Para participar, os afiliados

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Para participar, os afiliados"

Transcrição

1 Ano VIII Edição nº 64 Junho/Julho de Inscrições abertas para cursos da Escola do Professor Para participar, os afiliados do SINPRO/ES, aposentados da iniciativa privada e professores de escolas públicas devem acessar o site do Sindicato no endereço e clicar no link Escola do Professor para ver as opções disponíveis para o mês de julho, que são: Projetos pedagógicos para educação infantil de quatro a seis anos; Leitura de obra de arte/arte-educação; Filosofia da Ciência: Reflexões paradigmáticas de um corpo que cai; Atualização: Caminhos, leituras e descaminhos da literatura infantil; Atualização: Curso de técnica vocal (60 vagas). Inglês Instrumental (50 vagas). Os cursos vão acontecer no auditório do SINPRO/ES, situado na Rua Ulisses Sarmento, 24, salas 301 a 309, Edifício Leon Trade Center, Praia do Suá, Vitória e terão duração de 40 horas cada. São 40 vagas por curso. Dúvidas em relação aos cursos programados poderão ser enviadas pelos professores, para a coordenadora da Escola do Professor, Márcia Almeida Machado, que também receberá propostas de mestres e doutores que queiram ministrar cursos, através do Diretor do SINPRO/ES sofre perseguição no Colégio PIO XII O diretor de Imprensa e Comunicação do SINPRO/ES, Marcos Garcia Dantas esteve temporariamente afastado de suas atividades, como professor do Colégio PIO XII, para exercer as atividades sindicais. Após retornar à escola, no dia 02/05/07, para lecionar, foi surpreendido com um novo horário de distribuição de suas 12 aulas. Ele, que sempre lecionou no turno matutino, teve 03 aulas transferidas para o turno vespertino, em diferentes dias da semana, o que o impediria de exercer sua função sindical, a qual se dedica no período da tarde. Como não deixou de exercer sua função sindical, o diretor foi penalizado com o corte das três aulas, o que não se justifica, porque seu afastamento ocorreu em comum acordo com a diretoria do colégio. Por causa disso, o dirigente sindical vai cobrar, judicialmente, o cumprimento do acordo e denuncia: o Colégio PIO XII vem descumprindo itens da CCT e exigindo dos professores o cumprimento de atividades fora dos horários regulares de trabalho. Além disso, não está pagando hora-extra por esta prestação de serviço. A diretoria do Colégio Pio XII apresentou-me um acordo interno de compensação para assinar. Não assinei e informei que essa é uma prática ilegal. Não vou desistir de exercer o sindicalismo e de lutar por melhorias para a categoria por causa disso, concluiu o sindicalista. E D I T O R I A L A R T I G O J U R Í D I C O I N T E R I O R Presidente do SINPRO fala sobre o Resultado do Fórum de Conciliação que tratou da previdência privada da categoria. PÁGINA 2 Não deixe de ler o artigo escrito pela vice-presidente do SINPRO/ES, Cristiane Resende Fagundes Paris. PÁGINA 3 Reunimos os Jurídicos SINPRO de Vitória, Linhares e Cachoeiro em coluna única. PÁGINA 5 Casos de difamação no orkut. Aprenda a denunciar. Confira os resultados da CCP e do Fórum de Conciliação. PÁGINA 6

2 Tel.: (27) / Diretoria Executiva Presidente: Jonas Rodrigues de Paula Vice-presidente: Cristiane Resende Fagundes Paris Secretária Geral: Márcia Almeida Machado Secretário de Administração e Finanças: Antônio Carlos Vivaldi Secretário de Assuntos Jurídicos: Valentim Bastos Fernandes Secretário de Imprensa e Comunicação: Marcos Garcia Dantas Secretário de Organização e Patrimônio: Deusélio Bassini Fioresi Secretário de Formação e Estudo Sócio-econômico: Heron Miranda Suplentes da Executiva Antônio Ramos Barbosa Deusnar Vivaldi José Inácio Boaventura Borges César dos Santos Pereira Zanata Brandão Amorim Josué Viana Alvarino Maria Dilzeni Santos dos Santos Bissoli Jussara da Silva Braz Conselho Fiscal Efetivos Fernando Mass Bittencourt João de Deus Souza Adenilto Amaral Corrêa Suplentes do Conselho Fiscal Anselmo Dantas Josinete Marta Bissoli Rosimere Meireles Nascimento Delegados Representantes Junto à Federação João Batista Pinheiro Ramalho José Ricardo de Moraes Lopes Suplentes de Delegados Junto à Federação Júlio Andrés Amaro Huapaya Cristiano Foleto Informativo do Sindicato dos Professores no Estado do Espírito Santo Jornalista: Ivoneide Souto MTB ES999JP Cel.: (27) Projeto Gráfico & Diagramação: AIDA Design & Propaganda Tel: (27) / Impressão: S.A A GAZETA - (27) Tiragem: exemplares Associado SINPRO/ES ganha desconto em inscrição para congresso EDITORIAL Rua Ulisses Sarmento, 24, salas ed. Leon Trade Center, Praia do Suá - Vitória-ES - Cep: / Site: A previdência privada foi o principal motivo de negociação do primeiro Fórum de Conciliação Coletiva que aconteceu na sede do SINPRO, em Vitória, de 28 de maio a 12 de junho desse ano. Das 123 instituições educacionais convocadas, 16 compareceram e apresentaram toda a documentação solicitada pelo Sindicato; 38 ganharam prazo de 30 dias para entrega de documentos; 22 vão apresentar proposta de pagamento em até 30 dias; 07 ficaram desobrigadas de cumprir a cláusula referente à previdência por serem escolas de educação infantil; 35 não se apresentaram perante o fórum e 05 foram procuradas pelo agente dos Correios para Os associados ao SINPRO/ES terão um benefício especial para participarem do Congresso Conhecer/ES 2007, o maior congresso de educação do país, segundo certificação do MEC. O valor da inscrição será de apenas R$180,00, pois o Sindicato é um dos patrocinadores oficiais do Conhecer/ES O Conhecer/ES 2007 irá abordar o entrega da convocação, mas as correspondências foram devolvidas ao SINPRO, com justificativa de mudança de endereço. Todas as escolas convocadas pertencem ao quadro de filiados do SINEPE. No geral, o saldo do fórum foi positivo. Verificamos que as escolas que foram representadas no Fórum e não cumpriam a cláusula da previdência privada, comprometeram-se a cumprí-la, em até 30 dias. Os valores devidos por essas escolas serão negociados nesse mesmo prazo. Cumprimos mais uma meta da gestão 2006/2010, no sentido de fazer valer as cláusulas convencionadas na CCT. Outros benefícios da Convenção Coletiva de Trabalho também serão objetos dos fóruns que virão. O ticket-alimentação é um deles. As escolas que não compareceram ao fórum estão no site do nosso Sindicato. Essas e as que não apresentaram proposta de pagamento dos 6% referentes à previdência privada serão processadas, judicialmente, com ações de cumprimento na justiça do trabalho. P L AN T ÃO DE DIRETORIA Jonas Rodrigues de Paula Presidente tema Escola: um espaço de construção, e terá renomados palestrantes como Gilberto Dimenstein, Moacir Gadotti, Leila Navarro, Heloísa Luck, entre outros. Além das palestras, os congressistas terão um show exclusivo do Grupo Roupa Nova. O Conhecer vai acontecer de 31 de agosto a 02 de setembro, no SESC de Praia Formosa, em Santa Cruz/Ara- cruz, ES. Outras informações e programação completa no site www. maxima.art.br ou pelo telefone: (27) *Valor para demais congressistas não associados ao Sinpro/ES é de R$220,00. A data limite para inscrição nesse valor vai até 31/07/07.

3 Artigo Ter vocação não significa abrir mão dos seus direitos trabalhistas Ouvimos sempre em rodas de conversa que para ser professor é necessário ter vocação, ou melhor, que ser professor é um sacerdócio. Muitos companheiros têm doado seu trabalho em nome da vocação e do sacerdócio, vestem a camisa da instituição empregadora, fragilizando-se diante do exercício profissional/político que nossa categoria realmente representa. Essa prática é uma triste realidade, sobretudo nas instituições de Ensino Superior do Sul do Estado, que percebem na sensibilidade docente, uma oportunidade de esvaziamento político e sobretudo, de sentimento de pertença de classe. Algumas instituições vêem a mão-de-obra docente, como o grande negócio do lucro, afinal o ônus da qualificação dessa mãode-obra não recai sobre elas, mas sim, sobre o professor, que apresenta suas titulações de mestrado e doutorado, conquistadas, na maioria das vezes, com esforços pessoais, sem qualquer incentivo pedagógico ou administrativo dos empregadores, para a validação de novos cursos, comprometidos, na maioria das vezes, com o lucro e não com a comunidade. Ser vocacionado é uma prerrogativa subjetiva, também comum a todas as demais profissões. Portanto, não deve anular os direitos adquiridos pela Convenção Coletiva e nem aqueles oriundos da legislação trabalhista. O que nos parece é que o sacerdócio exercido em sala de aula, somado à pressão imposta pela manutenção do emprego tem encorajado a máquina patronal a negligenciar o pagamento de nossos direitos. Reuniões e plantões pedagógicos, planejamentos extras, organização de projetos, compensação de feriados e atividades que fogem de nossa função principal são realizadas, em nome do sacerdócio, da vocação. Horas-extras trabalhadas nem sempre são recebidas, porque somos professores, sacerdotes do lucro subjetivo que nosso trabalho produz nos cofres das instituições. Ter vocação e amar o exercício de nossa profissão não é condição para abrirmos mão do que para os cofres é devido diante da relação capital x trabalho. Realizamos em três anos (desde a inauguração da subsede sul) muitos atendimentos diretos e indiretos aos professores, e constatamos que, muitos ainda se intimidam ao reivindicar seus direitos, com um agravante: a maioria desconhece o que a Convenção Coletiva lhes garante. Por isso, a nossa atuação nas salas de aula deve se somar ao comprometimento político com a categoria, por meio da sindicalização, para que nossos saberes não sejam instrumento do lucro irracional das instituições que descumprem a CCT querem uma categoria desfiliada, sobretudo desamparada frente às demandas trabalhistas. Caso contrário, estaremos nos colocando como protagonistas de uma máquina que vende aulas e não respeita o professor, fortalecendo as instituições com os nossos diferentes saberes, servindo de marketing pedagógico para abertura de novos cursos, sobretudo no Ensino Superior, onde as titulações de Mestre e Doutor são apenas iscas, que aos olhos das Faculdades, validam seus projetos e muitas vezes, invalidam o professor, que não recebe o salário ideal pelo seu trabalho e nem tem oportunidade de desenvolver sua pesquisa com tranqüilidade. Nosso trabalho não é utopia, somos responsáveis pela formação concreta de milhares de profissionais das mais diferentes áreas de atuação. Precisamos acreditar nisso e tomar posse da nossa qualidade, assumir o papel de agentes provocadores de mudanças e estimuladores de habilidades. Porém, não podemos nos esquecer que somos trabalhadores, amparados por uma legislação que nenhuma instituição poderá invalidar. Cristiane Resende Fagundes Paris é professora e diretora da Subsede SINPRO de Cachoeiro de Itapemirim.

4 Inauguração da Escola do Professor No dia 20/06/07 o SINPRO/ES promoveu o coquetel de inauguração da Escola do Professor, que contou com a presença de professores, lideranças comunitárias e lideranças sindicais, como SAAE, CONTEE, FITEE e políticos. Houve apresentação do Projeto da Escola do Professor, com seus respectivos objetivos, e os convidados tomaram conhecimento da nova logomarca e da mudança de layout do site SINPRO. Ao lado estão algumas fotos do evento. Para ver todas as fotos, entre no site e clique em Galeria de Imagens.

5 Jurídico de Vitória apresenta relatório de desempenho O Departamento Jurídico do SINPRO/ES entregou, no dia 02/06/07, um relatório de desempenho à diretoria do sindicato. O relatório avalia os itens audiência, comissão paritária, atendimentos personalizados, por telefone e por , e também demonstra estimativas de novos processos e de processos solucionados. Confira na seqüência: Dos atendimentos: Nos meses citados, foram atendidos 272 professores que agendaram horários e 81, que não tinham horário marcado, entre andamento processual, cálculos, CCP e novos processos. Das audiências: Foram realizadas 156 audiências na Justiça do Trabalho. Jurídico de Vitória Da Comissão Paritária: Em reuniões semanais, o jurídico acompanhou 76 professores na Comissão de Conciliação Prévia. Atendimentos por telefone: O departamento atendeu uma média de 45 ligações diárias. Atendimentos por Todos os advogados que atendem na sede do SINPRO disponibilizam seus s pessoais para tirar dúvidas dos professores. São recebidos e respondidos, em média de 05 a 07 s, por dia. Número de processos despachados: Foram expedidos 953 processos, foram feitas 298 notificações via correio e 38 notificações via oficial de justiça. Somados, todos os processos, totalizam Estimativa de novos processos: Em 2007, foram distribuídos 142 novos processos. Estimativa de processos solucionados: Em média 08 sentenças por semana. Atualmente, o jurídico de Vitória conta com uma equipe de 06 advogados, 01 estagiário, 01 secretária, 01 auxiliar e 01 assistente para melhor atender aos sindicalizados. Para sugestões, dúvidas ou reclamações contate o departamento jurídico da sede do Sindicato, pelo telefone (27) ramal 7 e fale com um dos advogados. TRT designa juiz único para executar processos contra o Grupo Nacional O juiz titular da 2ª Vara do Trabalho de Vitória, Geovany Cardoso Jeveaux, passou a ser o único responsável pelas execuções judiciais contra o Grupo Nacional de Ensino. Em recente despacho, o Dr. Geovany determinou a reinclusão dos processos de que ainda se encontram em fase de instrução, ou seja, que estão em fase de audição de depoimentos e análise de provas, para que as sentenças possam ser proferidas pelo juiz. Além disso, o Dr. Geovany determinou a devolução dos autos de processos de outras varas trabalhistas, para as respectivas varas de origem, assim, os processos deverão ter seus créditos atualizados, para que seja estabelecida a ordem de pagamento. Jurídico do Norte Fechamento de escola provoca cancelamento de audiências com professores São Mateus - As oito audiências previstas para acontecer no mês passado contra a Escola Santa Clara de Guriri foram desmarcadas, porque a instituição encontra-se fechada e o oficial de justiça não conseguiu encontrar o diretor responsável para entregar a notificação. Os professores que lecionavam nessa escola podem tirar dúvidas ou fazer reclamações junto ao advogado do sindicato, Dr. João Bonaparte, que atende em seu escritório, situado à Rua Capitão José Maria, nº. 1388, Ed. Monsarás, sala 217, Centro, Linhares/ES. O telefone de contato é (27) Jurídico do Sul Consulte o resultado de sua ação trabalhista individual via internet Os professores que encaminharam ações trabalhistas, através do advogado da subsede Dr. Marcelo Schiavini Cossati, podem consultar o andamento, no site Para isso, é necessário saber o número do processo e o nome da escola processada.

6 COLUNA INTERIOR NOTÍCIAS DO NORTE Transtorno para professores no norte do ES O fechamento de escolas na região norte do Espírito Santo e a demora da justiça em resolver processos tem irritado professores. Três das escolas de municípios do norte do Estado que encerraram atividades no início de 2006 e 2007 causaram prejuízos e demitiram mais de 100 docentes. Os 38 profissionais de educação que trabalhavam no CNEC, de Linhares foram demitidos com salários atrasados e sem reajuste de 03 anos. Só agora a justiça começou a calcular os valores devidos por essa escola. No caso da Escola Santa Clara, de Guriri, a instituição não cumpria com suas obrigações relacionadas à CCT. Houveram denúncias de que 80% dos professores contratados não tiveram suas carteiras assinadas e que a escola também não pagava 13º, nem 1/3 de férias. Pelo fato de estar fechada, a justiça não está conseguindo entregar as notificações e as audiências foram suspensas. Com as mesmas dificuldades financeiras que a segunda escola citada, a Novo Horizonte, de Conceição da Barra, também foi fechada, porém, fez acordo com os professores no ato da rescisão de contrato. Mas isso não impede que os professores interessados recorram aos seus direitos, dentro do período de até 02 anos após a rescisão. A demora da justiça em resolver os processos também é motivo de revolta entre os docentes prejudicados. A diretoria da Subsede Linhares chama a atenção de todos para um fato que está se tornando comum: as escolas prometem, e não estão cumprindo com suas obrigações trabalhistas para com a categoria. Por esser motivo, a diretoria aconselha que os docentes atentem para o mercado de trabalho e que pesquisem a conduta das empresas privadas antes de trabalhar nelas, porque elas exigem cada vez mais tempo do profissional. Escolher uma instituição que não assina a carteira de trabalho é assinar, num futuro próximo, a sua própria demissão. Este tipo de instituição não fica muito tempo no mercado. Professor omisso contribui para que esse tipo de empresa continue no mercado. Leia a convenção, saiba dos seus direitos e denuncie as irregularidades. Sua atitude garantirá um futuro profissional bem sucedido, advertiu a diretora Maria Dilzeni. Segundo ela, a presença dos diretores do Sindicato nas escolas do norte é que tem levado os administradores de estabelecimentos educacionais a cumprirem com as obrigações trabalhistas para com a classe. Professores e alunos difamados no ORKUT podem denunciar casos à justiça Professores e alunos difamados no ORKUT já podem recorrer judicialmente, para punir os culpados. Estudantes têm usado esse site para criar perfis falsos, xingar, humilhar, fazer vídeos ou montagens pornográficas e ameaçar professores, colegas de escola e ex-namoradas. Alguns casos aconteceram em Vitória, no norte e no sul do Estado. Em todas as situações, os responsáveis foram denunciados e os resultados dos processos estão sendo aguardados. Quem se sentir ameaçado ou tiver a imagem denegrida na internet pode reagir, denunciando esses crimes aos órgãos competentes: Nureccel: telefones (27) e 181 (Disque-Denúncia). O Nureccel também possui um perfil no Orkut. SaferNet: O site da Central Nacional de Denúncias de Crimes Cibernéticos, traz dicas e orientações para quem quer fazer uma denúncia contra crimes eletrônicos. Juizados Especiais Criminais Sabendo quem é o autor das ofensas, a denúncia pode ser feita no Juizado Especial Criminal. Em Vitória, o juizado fica na Casa do Cidadão, na Avenida Maruípe, em Itararé. Em Vila Velha, o 2º Juizado Especial Criminal fica anexo ao Fórum, na Rua Luiza Grinalda, 377, na Prainha. Você sabe o que é o FUNDEB? Na edição anterior, falamos sobre a importância da participação dos professores no Conselho Municipal de Educação. Dessa vez, falaremos sobre o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação, FUNDEB, que é assunto de interesse de todos os profissionais da área de educação. Segundo a diretora da Subsede Linhares, Maria Dilzeni é importante que os professores acompanhem para onde vão os recursos do FUN- DEB, porque a categoria ganha com esse benefício. O FUNDEB existe para melhorar a qualificação profissional e o salário dos profissionais que trabalham na área educacional, entre outras coisas. Não devemos deixar esse dinheiro a mercê dos políticos, enfatizou. Como o FUNDEB funciona Assim como no FUNDEF, no FUNDEB, parte da receita de impostos estaduais e municipais vai para 27 fundos contábeis Estaduais. Os recursos retornam aos Estados e aos municípios, conforme o número de matrículas existentes em suas redes de ensino. Devido às profundas desigualdades econômicas entre Estados e regiões do país, a União exerce um importante papel redistributivo. Assim, em janeiro de cada ano, a União decreta um valor de investimento mínimo por aluno, abaixo do qual nenhum Estado poderá ficar. Para ter acesso a mais informações sobre o FUNDEB, acesse o link do site do Ministério da Educação

7 NOTÍCIAS DO SUL Fórum de Debates O Fórum de Debates de Cachoeiro aconteceu no dia 14/07/07 e reuniu a diretoria executiva do SIN- PRO/ES e 61 professores do Sul do Estado. O Evento aconteceu no Teatro Rubem Braga e foi uma ótima oportunidade, para os diretores do Sindicato ouviram as expectativas e decepções da categoria. Da parte dos professores, pode-se dizer que eles entenderam a demanda apresentada, no que diz respeito à responsabilidade de cada professor com as questões coletivas. Sai o resultado da CCP de Cachoeiro Na segunda quinzena do mês de junho desse ano, aconteceu a 2ª reunião da Comissão de Conciliação Prévia (CCP) na Subsede SINPRO de Cachoeiro. Os processos foram analisados pelas escolas e tiveram o seguinte resultado: IPE possibilidade de acordo para o dia 23 de julho; CELP Acordo celebrado entre as partes; São Camilo a instituição não apresentou proposta de conciliação. Os processos não acordados (ou frustrados) foram encaminhados pelo Jurídico para ação trabalhista. A próxima CCP ainda sem data confirmada, será divulgada posteriormente pela Subsede SINPRO de Cachoeiro. Para esclarecimento da categoria, uma instância de Conciliação Prévia é formada por sindicatos de trabalhadores e Patronais, com o intuito de resolver as pendências/ processos originários do contrato de trabalho antes de ir à justiça. Quando existir a Comissão de Conciliação Prévia na empresa ou no âmbito do sindicato, o empregado terá que passar primeiro pela tentativa de conciliação. Se não houver conciliação, o trabalhador deverá entrar na justiça, juntando ao processo a declaração de conciliação frustrada. No caso dos professores, a Comissão de Conciliação Prévia esta instituída no âmbito dos Sindicatos Profissional e Patronal, conforme Convenção Coletiva de Trabalho 2006/2008, cláusula 38. O conciliador é uma terceira pessoa que aproxima as partes e estimula a negociação e a solução do conflito. A conciliação se constitui num processo negocial e voluntário, de modo que, empregador e trabalhador podem, a qualquer momento, recusar a conciliação e partir assim, para a solução perante a justiça do Trabalho. Lei no de 12/01/2000 acrescidos os Artigos 625 A 625-H e os artigos 846, 876 e 877 a CLT. Fórum de Conciliação identifica irregularidade no pagamento de horas-extras de professores As demandas coletivas das escolas do Sul do Estado foram encaminhadas para o Fórum de Conciliação, que aconteceu, recentemente, em Vitória. A primeira demanda referiu-se à diferença de horas trabalhadas pelos professores do Instituto de Pesquisas Educacionais - IPE e do Centro de Ensino Lauro Pinheiro - CELP. As docentes haviam reclamado junto à Subsede SINPRO/ES, pois trabalham 25 horas. Segundo as professoras, as duas escolas praticam hora/aula de 50 minutos e não pagam sobre 25 horas, e sim sobre 20 horas. Uma das escolas chegou a alterar o horário de assinatura do livro de ponto, e a outra alterou o horário de distribuição de aulas para 4 horas/ 60 minutos aula. No termo de conciliação, o IPE e o CELP se comprometeram em apresentar a documentação requerida na ação judicial, referente aos anos de 2002 a 2007, no máximo até 30 de junho, o que já ocorreu, no que diz respeito ao ticket-alimentação, à previdência privada e às folhas de pagamento e de ponto. As instituições educacionais da região sul que participaram do Fórum de Conciliação da Previdência de Cachoeiro, Alegre, Castelo e Marataízes e não apresentaram documentos referentes ao contrato de previdência privada, serão notificadas para comparecerem ao próximo fórum. Visita à UNES A diretora da Subsede Cachoeiro, Cristiane Resende Fagundes Paris visitou a UNES de Cachoeiro, recentemente. Em conversa com professores do ensino superior, ela divulgou o fórum, o Jornal Presença e prestou esclarecimento jurídico sobre a convenção coletiva. Esclarecimento Em resposta aos professores que questionaram o porque das Subsedes trazerem para a categoria, através do Jornal Presença, assuntos nacionais e de escolas públicas, informamos que a diretoria do SINPRO/ES entende, que a Educação tem que ser vista como um todo. Dessa forma, o que acontece nacionalmente, ou nas escolas públicas do Espírito Santo, também pode refletir de uma maneira ou de outra, imediatamente ou a qualquer tempo, na vida dos professores de escolas particulares. Portanto, saber o que acontece nos cenários nacional e regional é importante, e nos ajuda a entender melhor o contexto da educação no Brasil, apontando, inclusive, caminhos para que possamos negociar melhor com os patrões.

8 CONTRATO Nº 1308 IMPRESSO ESPECIAL ECT/DR-ES SINPRO Novos convênios para professores do norte e do sul O SINPRO/ES informa que as Subsedes Linhares e Cachoeiro renovaram antigos contratos e contrataram novos convênios de prestação de serviços para beneficiar os professores sindicalizados dessas regiões, priorizando àqueles conveniados que ofereceram desconto real para a categoria. Foram contratados serviços de saúde, comércio de produtos e serviços, que oferecem boa margem de desconto e facilidades. A intenção é incluir os principais prestadores de serviços das diversas cidades do norte e do sul na lista de conveniados. Confira os convênios disponíveis No norte, a maioria dos convênios concentra-se em Linhares e São Mateus: Academias (2), clínico geral e obstetra (2), cinema (1), dentista (5), endocrinologista (1), farmácia (3), fisioterapeutas (4), laboratório (1), oftalmologista (1), ótica (1), ortopedista (2), otorrinonaringologista (1), pediatra (1), posto de gasolina (1), psicóloga (3), fonoaudióloga (3), psicanalista/terapeuta holístico (1). No Sul, os conveniados concentram-se em Cachoeiro de Itapemirim: Fármácia (2), restaurante (1), ótica (1), vídeo-locadora (1), artigos para presente e decoração (1), dentistas (5), fonoaudióloga (1), lava-jato (1), confecção de roupas (1). As contratações continuarão ao longo do ano. Mais informações sobre os convênios no site do SINPRO/ES, no link o SINPRO / Convênios Subsede Linhares ou Convênios Subsede Cachoeiro. Professor, você já é sindicalizado? O Sindicato dos Professores no Estado do Espírito Santo é o órgão de representação que estabelece o diálogo entre os empregadores e os professores de escolas particulares. Ser sindicalizado ao SINPRO/ES não é só ter um desconto de 1% ao mês, referente à Contribuição Confederativa, no contra-cheque. Ser sindicalizado ao SINPRO/ES significa ter seus direitos defendidos e garantidos por quem entende e tem as ferramentas para lutar por melhores salários e qualidade de vida. Eleição de delegados O SINPRO/ES comunica que elegeu, em assembléia, os 36 professores-delegados que vão participar da próxima edição do CONFITEE, de 24 a 26/07/07, na cidade de Pirinópolis, GO. A eleição aconteceu no auditório da sede do Sindicato, em Vitória, no dia 04/06/07. Artigos de Opinião Estamos selecionando artigos com foco em Educação no Espírito Santo, para publicar no nosso Jornal Presença. Os professores que quiserem ter Significa passar a exercer um ato político individual e intransferível, que tem que ser feito pessoalmente, mediante assinatura do professor. Quando o professor preenche a ficha de sindicalização, que pode ser baixada do site e entrega, pessoalmente, na sede ou em uma das subsedes, o Sindicato gera para esse professor, uma matrícula sindical. É a partir desse momento que a instituição SINPRO passa a substituir o novo sindicalizado em ações processuais individuais ou coletivas. Por isso, a confirmação pessoal do seu cadastro é imprescindível. Isso também contribuirá para que você, professor, seja atendido, rapidamente, em suas solicitações e receba informações sobre as atividades e conquistas do seu Sindicato. Por exemplo: Se o Sindicato dá início a uma ação coletiva, os efeitos da sentença só vão contemplar os professores que forem sindicalizados, e que constarem na lista de substituídos. Se o professor não existe para o Sindicato, não constará na lista de substituídos e não receberá o benefício conquistado, por ocasião da ação que estiver sendo movida. Vantagens de ser sindicalizado SINPRO/ES Você recebe orientação gratuita nas questões trabalhistas, feita por diretores / sindicalistas, de 2ª à 6ª-feira, de 9h às 18h, pessoalmente, por telefone, ou . Conta com assistência jurídica gratuita em processos individuais e coletivos nas áreas trabalhista e cível (que abrange direito de família, direito de seus artigos publicados deverão encaminhá-los devidamente revisados para com título de no máximo 24 caracteres, contando com espaços, e texto de exatos 2550 caracteres, sem contar o cargo e a assinatura do autor. Também é preciso enviar, em anexo, foto de rosto digitalizada. Fale Conosco No o SINPRO/ES recebe denúncias sobre as escolas, dúvidas e sugestões de professores para melhoria dos serviços prestados. Se a sua escola ou faculdade apresenta alguma irregularidade, denuncie! A investigação corre sob sigilo e os nomes dos denunciantes não serão revelados. sucessões, delitos de responsabilidade civil e tudo que envolve relações controversas, como discussão sobre contratos, danos causados por terceiros, direito do consumidor, direito comercial e empresarial, questões do juizado especial cível pequenas causas, multas, direito de vizinhança, usucapião e outros). Recebe a visita dos diretores nas escolas para reconhecer as condições de trabalho da categoria, e saber se os direitos garantidos pela CCT estão sendo respeitados pelas escolas. Pode comprar ou utilizar produtos e serviços das empresas conveniadas ao Sindicato com descontos vantajosos. Tem acesso a cursos de atualização em áreas diversas, com desconto e preços abaixo do mercado, ministrados por mestres e doutores. Não perca tempo: Faça o melhor por você e pela sua profissão! Quem é afiliado ao SINPRO/ES sabe que não luta sozinho por suas reivindicações e, que somente a unidade do grupo pode alcançar o que a ação individual não consegue. Sindicalize-se! Chamada para O CONSINPRO De 19 a 21/10/2007 o SINPRO/ES vai realizar, no SESC de Guarapari, o CONSINPRO, congresso estatutário que sempre acontece após o 1o ano de cada gestão. O Sindicato vai informar a data da assembleía que vai eleger os delegados através de um edital, que será publicado em Jornal de grande circulação no Espírito Santo. Poderão se candidatar a delegados, professores sindicalizados, que serão eleitos por seus companheiros de trabalho. A cada 50 professores um delegado será eleito e na fração, mais um. A eleição vai acontecer em breve.

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS TERMO DE ADESÃO Leia com atenção: Ao aceitar o presente termo de adesão no site de cadastro - o que representa sua assinatura eletrônica, ou seja, tem a mesma validade jurídica de uma assinatura num documento

Leia mais

NORMAS REGULADORAS DO PROCESSO SELETIVO Edital Nº 17/2014-SEDIS

NORMAS REGULADORAS DO PROCESSO SELETIVO Edital Nº 17/2014-SEDIS UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO PROGRAMA NACIONAL DE FORTALECIMENTOS DOS CONSELHOS ESCOLARES PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO CENTRO DE EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA

Leia mais

PERGUNTAS FREQUENTES SOBRE O PARFOR

PERGUNTAS FREQUENTES SOBRE O PARFOR PERGUNTAS FREQUENTES SOBRE O PARFOR 1. Como são os cursos ofertados pela plataforma freire e quais os benefícios para os professores que forem selecionados? O professor sem formação poderá estudar nos

Leia mais

Rua Moreira e Costa, 531 Ipiranga CEP 04266 010 São Paulo SP Tel.: (11) 3013 0320 Fax: (11) 3013 0366 www.sanfra.g12.

Rua Moreira e Costa, 531 Ipiranga CEP 04266 010 São Paulo SP Tel.: (11) 3013 0320 Fax: (11) 3013 0366 www.sanfra.g12. Rua Moreira e Costa, 531 Ipiranga CEP 04266 010 São Paulo SP Tel.: (11) 3013 0320 Fax: (11) 3013 0366 www.sanfra.g12.br M I S S Ã O O Colégio São Francisco Xavier, da Rede Jesuíta de Educação, tem como

Leia mais

DESCRITIVO DE RECRUTAMENTO PARA CADASTRO DE TALENTOS ATENDENTE DE CAIXA INTERIOR E LITORAL

DESCRITIVO DE RECRUTAMENTO PARA CADASTRO DE TALENTOS ATENDENTE DE CAIXA INTERIOR E LITORAL DESCRITIVO DE RECRUTAMENTO PARA CADASTRO DE TALENTOS ATENDENTE DE CAIXA INTERIOR E LITORAL O presente documento é uma divulgação oficial de todos os critérios e procedimentos estabelecidos pelo SESC para

Leia mais

Como ter sucesso na educação a distância

Como ter sucesso na educação a distância Metodologia Diferenciada Ambiente de Aprendizagem Moderno Inovação Continuada e Empreendedorismo Como ter sucesso na educação a distância 1 Regulamento 2 1 Como ter sucesso na educação a distância Para

Leia mais

PERGUNTAS MAIS FREQÜENTES CREDENCIAMENTO NO SEBRAE-SP:

PERGUNTAS MAIS FREQÜENTES CREDENCIAMENTO NO SEBRAE-SP: PERGUNTAS MAIS FREQÜENTES CREDENCIAMENTO NO SEBRAE-SP: A oportunidade de se tornar um facilitador de aprendizagem e/ou consultor para o sucesso das micro e pequenas empresas APRESENTAÇÃO Esta cartilha

Leia mais

1- CONTRATO DE TRABALHO

1- CONTRATO DE TRABALHO 1- CONTRATO DE TRABALHO 1.1 - ANOTAÇÕES NA CARTEIRA DE TRABALHO Quando o empregado é admitido - mesmo em contrato de experiência -, a empresa tem obrigatoriamente que fazer as anotações na carteira de

Leia mais

SELEÇÃO PÚBLICA DE PROJETOS SOCIAIS EDITAL 2014

SELEÇÃO PÚBLICA DE PROJETOS SOCIAIS EDITAL 2014 Instituto Marca de Desenvolvimento Socioambiental - IMADESA SELEÇÃO PÚBLICA DE PROJETOS SOCIAIS EDITAL 2014 >> Leia com atenção o Edital antes de preencher o formulário para apresentação de projetos. I.

Leia mais

Manual do Candidato da Graduação. Processos Seletivos

Manual do Candidato da Graduação. Processos Seletivos 1 ESCOLA SUPERIOR NACIONAL DE SEGUROS Manual do Candidato da Graduação Processos Seletivos Rua Senador Dantas, 74 Térreo; 2º e 3º andares Centro Rio de Janeiro RJ Tel. 33801044 33801046 33801535 2 A Escola

Leia mais

MANUAL BOLSISTA. Núcleo de Atenção Solidária NAS

MANUAL BOLSISTA. Núcleo de Atenção Solidária NAS MANUAL DO BOLSISTA Núcleo de Atenção Solidária NAS Sumário 1 - Bolsa de Estudo... 2 2 - Tipos de Bolsas de Estudo... 2 - ProUni... 2 Eventuais Programas de Bolsas de Estudo:... 2 - Vestibular Social....

Leia mais

DESCRITIVO DO RECRUTAMENTO PARA AUXILIAR ADMINISTRATIVO ASSISTÊNCIA MÉDICA

DESCRITIVO DO RECRUTAMENTO PARA AUXILIAR ADMINISTRATIVO ASSISTÊNCIA MÉDICA DESCRITIVO DO RECRUTAMENTO PARA AUXILIAR ADMINISTRATIVO ASSISTÊNCIA MÉDICA O presente documento é uma divulgação oficial das condições estabelecidas pelo SESC para este recrutamento. É de fundamental importância

Leia mais

REGULAMENTO. Art. 1º - O Programa de inclusão educacional BOLSAS EDUCAR tem os seguintes objetivos:

REGULAMENTO. Art. 1º - O Programa de inclusão educacional BOLSAS EDUCAR tem os seguintes objetivos: REGULAMENTO I DO PROGRAMA Art. 1º - O Programa de inclusão educacional BOLSAS EDUCAR tem os seguintes objetivos: I incentivar a aderência ao Programa de indivíduos que atendam aos requisitos exigidos neste

Leia mais

UFMG / PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO / SETOR DE BOLSAS PMG PROGRAMA DE MONITORIA DE GRADUAÇÃO DIRETRIZES GERAIS

UFMG / PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO / SETOR DE BOLSAS PMG PROGRAMA DE MONITORIA DE GRADUAÇÃO DIRETRIZES GERAIS UFMG / PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO / SETOR DE BOLSAS PMG PROGRAMA DE MONITORIA DE GRADUAÇÃO DIRETRIZES GERAIS 2015 1) DOS OBJETIVOS O Programa de Monitoria de Graduação visa dar suporte às atividades acadêmicas

Leia mais

medida. nova íntegra 1. O com remuneradas terem Isso é bom

medida. nova íntegra 1. O com remuneradas terem Isso é bom Entrevista esclarece dúvidas sobre acúmulo de bolsas e atividadess remuneradas Publicada por Assessoria de Imprensa da Capes Quinta, 22 de Julho de 2010 19:16 No dia 16 de julho de 2010, foi publicada

Leia mais

RESOLUÇÃO NORMATIVA Nº 32/CUn, DE 27 DE AGOSTO DE 2013.

RESOLUÇÃO NORMATIVA Nº 32/CUn, DE 27 DE AGOSTO DE 2013. SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA ÓRGÃOS DELIBERATIVOS CENTRAIS CAMPUS UNIVERSITÁRIO TRINDADE CEP: 88040-900 FLORIANÓPOLIS SC TELEFONES: (48) 3721-9522 - 3721-4916 FAX: (48)

Leia mais

EDITAL. VESTIBULAR AGENDADO Primeiro semestre 2012

EDITAL. VESTIBULAR AGENDADO Primeiro semestre 2012 EDITAL VESTIBULAR AGENDADO Primeiro semestre 2012 A UNIVERSIDADE DE UBERABA UNIUBE declara abertas as inscrições para o Vestibular Agendado - aos portadores de Certificado de Conclusão do Curso do Ensino

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA UESB Recredenciada pelo Decreto Estadual N 9.996, de 02.05.2006 EDITAL Nº 158 /2015

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA UESB Recredenciada pelo Decreto Estadual N 9.996, de 02.05.2006 EDITAL Nº 158 /2015 UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA UESB Recredenciada pelo Decreto Estadual N 9.996, de 02.05.2006 EDITAL Nº 158 /2015 CONVOCAÇÃO DE DISCENTES HABILITADOS AO PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL,

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO GATA DO TIGRE

REGULAMENTO DO CONCURSO GATA DO TIGRE REGULAMENTO DO CONCURSO GATA DO TIGRE 1. DO CONCURSO 1.1. Fica instituído o Concurso Gata do Tigre realizado pelo São Bernardo Futebol Clube Ltda., para eleger a representante do Clube no Concurso Gata

Leia mais

REGULAMENTO LABORATÓRIO 2015

REGULAMENTO LABORATÓRIO 2015 REGULAMENTO LABORATÓRIO 2015 1. OBJETIVO Este instrumento tem por objetivo regular a participação do CANDIDATO no processo de inscrição para o Laboratório, programa realizado pelo Na Prática, iniciativa

Leia mais

EDITAL 08/2015-DF DE CONVOCAÇÃO DAS ENTIDADES RESOLVE:

EDITAL 08/2015-DF DE CONVOCAÇÃO DAS ENTIDADES RESOLVE: EDITAL 08/2015-DF DE CONVOCAÇÃO DAS ENTIDADES O Doutor Rhamice Ibrahim Ali Ahmad Abdallah - MM. Juiz de Direito e Diretor do Foro da Comarca de Rondonópolis, Estado de Mato Grosso, no uso de suas atribuições

Leia mais

DESCRITIVO DO RECRUTAMENTO PARA AGENTE DE APOIO ADMINISTRATIVO ANALISTA DE TRANSPORTES

DESCRITIVO DO RECRUTAMENTO PARA AGENTE DE APOIO ADMINISTRATIVO ANALISTA DE TRANSPORTES DESCRITIVO DO RECRUTAMENTO PARA AGENTE DE APOIO ADMINISTRATIVO ANALISTA DE TRANSPORTES O presente documento é uma divulgação oficial das condições estabelecidas pelo SESC para este recrutamento. É de fundamental

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO Centro de Ciências Jurídicas e Econômicas Programa de Pós-Graduação em Ciências Contábeis EDITAL

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO Centro de Ciências Jurídicas e Econômicas Programa de Pós-Graduação em Ciências Contábeis EDITAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO Centro de Ciências Jurídicas e Econômicas Programa de Pós-Graduação em Ciências Contábeis EDITAL Mestrado em Ciências Contábeis TURMA 2015 O Programa de Pós-Graduação

Leia mais

SINEPE-ES em Ação REGULAMENTO

SINEPE-ES em Ação REGULAMENTO SINEPE-ES em Ação REGULAMENTO 1. Objetivos da Diplomação e Premiação A diplomação SINEPE-ES em Ação é uma iniciativa do Sindicato das Empresas Particulares de Ensino do Estado do Espírito Santo SINEPE/ES,

Leia mais

PERGUNTAS MAIS FREQUENTES 1. MEUS PEDIDOS

PERGUNTAS MAIS FREQUENTES 1. MEUS PEDIDOS PERGUNTAS MAIS FREQUENTES 1. MEUS PEDIDOS Consigo rastrear o minha Compra? Sim. As informações mais atualizadas sobre sua Compra e a situação de entrega de sua Compra estão disponíveis em Meus pedidos.

Leia mais

CONSELHO MUNICIPAL DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL 04 / 2010

CONSELHO MUNICIPAL DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL 04 / 2010 CONSELHO MUNICIPAL DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL 04 / 2010 A Companhia de Desenvolvimento de Vitória CDV torna público o presente Edital e comunica que receberá solicitações de financiamento de bolsas

Leia mais

ESTATUTO DAS LIGAS ACADÊMICAS Diretoria de Extensão e Assuntos Comunitários

ESTATUTO DAS LIGAS ACADÊMICAS Diretoria de Extensão e Assuntos Comunitários ESTATUTO DA LIGA GERIATRIA E GERONTOLOGIA - LIG Capítulo I - Da Natureza e Finalidade ART. 1º - A LIGA DE GERIATRIA E GERONTOLOGIA é uma entidade sem fins lucrativos, com duração ilimitada, sob a supervisão

Leia mais

ESTATUTO DAS LIGAS ACADÊMICAS Diretoria de Extensão e Assuntos Comunitários

ESTATUTO DAS LIGAS ACADÊMICAS Diretoria de Extensão e Assuntos Comunitários ESTATUTO DA LIGA ACADÊMICA DE ESPORTES E SAÚDE - LIES Capítulo I - Da Natureza e Finalidade ART. 1º - A Liga Acadêmica de Esportes e Saúde é uma entidade sem fins lucrativos, com duração ilimitada, sob

Leia mais

EDITAL DE CONVOCAÇÃO PROGRAMA DE INTERCÂMBIO INTERNACIONAL E INTERDISCIPLINAR DA CHAMBERLAIN COLLEGE OF NURSING, AREA1 E FACULDADE RUY BARBOSA

EDITAL DE CONVOCAÇÃO PROGRAMA DE INTERCÂMBIO INTERNACIONAL E INTERDISCIPLINAR DA CHAMBERLAIN COLLEGE OF NURSING, AREA1 E FACULDADE RUY BARBOSA EDITAL DE CONVOCAÇÃO PROGRAMA DE INTERCÂMBIO INTERNACIONAL E INTERDISCIPLINAR DA CHAMBERLAIN COLLEGE OF NURSING, AREA1 E FACULDADE RUY BARBOSA Nº 12/2015 Por meio do presente Edital se faz a Convocação

Leia mais

Cuida das relações coletivas de trabalho, onde os interesses cuidados são os de um grupo social. São instituições do direito coletivo do trabalho:

Cuida das relações coletivas de trabalho, onde os interesses cuidados são os de um grupo social. São instituições do direito coletivo do trabalho: Legislação Social Profª Mestre Ideli Raimundo Di Tizio p 38 DIREITO COLETIVO DO TRABALHO Cuida das relações coletivas de trabalho, onde os interesses cuidados são os de um grupo social. São instituições

Leia mais

2. Princípios fundamentais. 3. Objetivos

2. Princípios fundamentais. 3. Objetivos CARTA DE PRINCÍPIOS DO FÓRUM NACIONAL DOS TRABALHADORES DO SISTEMA ÚNICO DA ASSISTÊNCIA SOCIAL FTSUAS. Princípios norteadores de funcionamento do Fórum 1. Natureza O Fórum Nacional dos Trabalhadores do

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO. INGRESSO DE DISCENTES NOS CURSOS DE GRADUAÇÃO 2010 2º semestre EDITAL N 64 / 2010

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO. INGRESSO DE DISCENTES NOS CURSOS DE GRADUAÇÃO 2010 2º semestre EDITAL N 64 / 2010 UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO - UNIRIO PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO - PROGRAD UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO INGRESSO DE DISCENTES NOS CURSOS DE GRADUAÇÃO 2010

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E EXTENSÃO PRAÇA DAS PROFISSÕES

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E EXTENSÃO PRAÇA DAS PROFISSÕES Edital Praça das Nº 1-2015 Seleção de Bolsistas e Voluntários -2016 Aos estudantes dos Cursos de Graduação da UFCG: A Unidade Suplementar Praça das, desta Universidade, nos termos das disposições normativas

Leia mais

CREDENCIAMENTO DE PESSOAS JURÍDICAS PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONSULTORIA E INSTRUTORIA

CREDENCIAMENTO DE PESSOAS JURÍDICAS PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONSULTORIA E INSTRUTORIA CREDENCIAMENTO DE PESSOAS JURÍDICAS PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONSULTORIA E INSTRUTORIA PERGUNTAS FREQUENTES Este guia com perguntas e respostas foi desenvolvido para possibilitar um melhor entendimento

Leia mais

MANUAL DO CLIENTE CONSTAT

MANUAL DO CLIENTE CONSTAT MANUAL DO CLIENTE CONSTAT 2013 Todos os direitos reservados à Constat. Distribuição ou repasse a terceiros não autorizados. Porto Alegre RS Av. Ceará, 1652 São João 90240-512 Fone (51) 3025.6699 www.constat.com.br

Leia mais

POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL DO IFBA PROGRAMA DE ASSITÊNCIA E APOIO AOS ESTUDANTES EDITAL Nº 001/2015

POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL DO IFBA PROGRAMA DE ASSITÊNCIA E APOIO AOS ESTUDANTES EDITAL Nº 001/2015 POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL DO IFBA PROGRAMA DE ASSITÊNCIA E APOIO AOS ESTUDANTES EDITAL Nº 001/2015 1. ABERTURA O Diretor Geral do IFBA Campus Jacobina, no uso de suas atribuições, faz saber que,

Leia mais

Coordenação de Pós-Graduação e Extensão. Legislação sobre cursos de Pós-graduação Lato Sensu e Credenciamento da FACEC

Coordenação de Pós-Graduação e Extensão. Legislação sobre cursos de Pós-graduação Lato Sensu e Credenciamento da FACEC Coordenação de Pós-Graduação e Extensão Legislação sobre cursos de Pós-graduação Lato Sensu e Credenciamento da FACEC Os cursos de especialização em nível de pós-graduação lato sensu presenciais (nos quais

Leia mais

1. PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA FAEC

1. PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA FAEC 1. PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA FAEC 1.1 Definição de Iniciação Científica A iniciação cientifica é uma atividade acadêmica que permite introduzir os discentes de graduação na pesquisa cientifica.

Leia mais

Regulamento para inscrição na 10ª Semana da Música de Ouro Branco

Regulamento para inscrição na 10ª Semana da Música de Ouro Branco Regulamento para inscrição na 10ª Semana da Música de Ouro Branco 1. Inscrições e seleção 1.1 Para efetuar a inscrições para a 10ª Semana da Música de Ouro Branco, o candidato deverá acessar o site www.semanadamusica.com;

Leia mais

Manual do Candidato da Graduação. Processos Seletivos

Manual do Candidato da Graduação. Processos Seletivos 1 ESCOLA SUPERIOR NACIONAL DE SEGUROS ESNS Manual do Candidato da Graduação Processos Seletivos Rua Senador Dantas, 74 2º andar Centro Rio de Janeiro RJ Tel. 33801044 33801046 33801532 2 A Escola Superior

Leia mais

REGULAMENTO CATÁLISE 2015

REGULAMENTO CATÁLISE 2015 REGULAMENTO CATÁLISE 2015 1. OBJETIVO Este instrumento tem por objetivo regular a participação do CANDIDATO no processo de inscrição para o Catálise, programa realizado pelo Na Prática, iniciativa de carreira

Leia mais

PERGUNTAS MAIS FREQUENTES. Programa Auto Emprego Tecnológico, denominado de PAEtec BOLSA TECNOLÓGICA CIDADÃ 1

PERGUNTAS MAIS FREQUENTES. Programa Auto Emprego Tecnológico, denominado de PAEtec BOLSA TECNOLÓGICA CIDADÃ 1 PERGUNTAS MAIS FREQUENTES Programa Auto Emprego Tecnológico, denominado de PAEtec BOLSA TECNOLÓGICA CIDADÃ 1 01. Como posso solicitar o PAEtec BOLSA TECNOLÓGICA CIDADÃ? R: Alunos matriculados no 3º ano

Leia mais

EDITAL DE PRODUÇÃO DE VÍDEO DA JUSTIÇA RESTAURATIVA

EDITAL DE PRODUÇÃO DE VÍDEO DA JUSTIÇA RESTAURATIVA Instituto Cultural São Francisco de Assis Centro de Promoção da Criança e do Adolescente São Francisco de Assis Estrada João de Oliveira Remião, 4444 Lomba do Pinheiro - Porto Alegre RS www.franciscanos-rs.org.br

Leia mais

EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES

EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES Processo Seletivo para o Programa Especial de Formação Pedagógica para Professores de Educação Profissional de Nível Médio (Convênio FNDE/MEC nº 400012/2011 Programa Brasil

Leia mais

Caro(a) aluno(a), Estaremos juntos nesta caminhada. Coordenação NEO

Caro(a) aluno(a), Estaremos juntos nesta caminhada. Coordenação NEO Caro(a) aluno(a), seja bem-vindo às Disciplinas Online da Faculdade Presidente Antônio Carlos de Bom Despacho e Faculdade de Educação de Bom Despacho. Em pleno século 21, na era digital, não poderíamos

Leia mais

e- SIC Manual do Cidadão

e- SIC Manual do Cidadão e- SIC Manual do Cidadão Sumário Introdução 3 O e-sic 4 Primeiro acesso 5 Cadastrando-se no e-sic 6 Acessando o e-sic 7 Funções do e-sic 8 Envio de avisos por e-mail pelo e-sic 9 Como fazer um pedido de

Leia mais

Tire suas dúvidas sobre a Lei do Aprendiz

Tire suas dúvidas sobre a Lei do Aprendiz Tire suas dúvidas sobre a Lei do Aprendiz 1-O que é um aprendiz? É um adolescente/jovem que tem que entre 14 e 24 anos de idade e que esteja matriculado em um Programa de Aprendizagem numa ONG, Escola

Leia mais

Confira a autenticidade no endereço http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/.

Confira a autenticidade no endereço http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/. CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2015 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: PR003213/2014 DATA DE REGISTRO NO MTE: 30/07/2014 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR041150/2014 NÚMERO DO PROCESSO: 46212.009124/2014-70 DATA

Leia mais

REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO NO CURSO DE INGLÊS DO PORTO DIGITAL

REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO NO CURSO DE INGLÊS DO PORTO DIGITAL REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO NO CURSO DE INGLÊS DO PORTO DIGITAL 1. APRESENTAÇÃO Atento às demandas dos colaboradores das empresas embarcadas, e por entender a importância da continuidade do aprendizado

Leia mais

REGULAMENTO PRÊMIO FORTALECER

REGULAMENTO PRÊMIO FORTALECER REGULAMENTO PRÊMIO FORTALECER 1. O Prêmio 1.1. Apresentação O Prêmio Fortalecer é uma iniciativa da ThyssenKrupp CSA Siderúrgica do Atlântico (TKCSA), dentro do escopo do PROGRAMA FORTALECER. Este prêmio

Leia mais

REGULAMENTO CAPÍTULO I DA FINALIDADE

REGULAMENTO CAPÍTULO I DA FINALIDADE REGULAMENTO O SINDICATO DAS EMPRESAS DE INFORMÁTICA DO ESPÍRITO SANTO SINDINFO/ES promove, com apoio da START YOU UP e sua empresa de educação empreendedora STARTIFY, a I Edição do Prêmio SINDINFO de Trabalhos

Leia mais

POLÍTICA DE VOLUNTARIADO DA CEMIG SAÚDE

POLÍTICA DE VOLUNTARIADO DA CEMIG SAÚDE POLÍTICA DE VOLUNTARIADO DA CEMIG SAÚDE Av. Barbacena, 472 8º andar Barro Preto CEP: 30190-130 Belo Horizonte/MG Tel.: 3253.4917 E-mail: renata.gontijo@cemigsaude.org.br Portal Corporativo: www.cemigsaude.org.br

Leia mais

Dúvidas mais frequentes Fase de inscrição no concurso

Dúvidas mais frequentes Fase de inscrição no concurso Dúvidas mais frequentes Fase de inscrição no concurso IMPORTANTE O edital regulador do concurso e seus anexos, todos disponíveis no sitio eletrônico do concurso, concentram todas as informações relacionadas

Leia mais

Regulamento Interno. de Estágios

Regulamento Interno. de Estágios Regulamento Interno de Estágios Índice Apresentação... 3 Capítulo 1 Caracterização e objetivo do estágio... 3 Capítulo 2 - Oferta de vagas de estágio... 4 Capítulo 3 - Duração do estágio... 5 Capítulo

Leia mais

REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO NO CURSO DE INGLÊS 2016.1 DO PORTO DIGITAL

REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO NO CURSO DE INGLÊS 2016.1 DO PORTO DIGITAL REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO NO CURSO DE INGLÊS 2016.1 DO PORTO DIGITAL Parque Tecnológico 1. APRESENTAÇÃO Este regulamento apresenta as regras e os critérios estabelecidos pelo Núcleo de Gestão do Porto

Leia mais

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Economia

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Economia EDITAL PARA O PROCESSO SELETIVO 2º/2015 Coordenador: Prof. Dr. Antônio Corrêa de Lacerda Vice-Coordenadora: Profa. Dra. Regina Maria d Aquino Fonseca Gadelha Estarão abertas, no período de 01/04/2015 a

Leia mais

INSCRIÇÃO DE ESTUDANTES IRREGULARES

INSCRIÇÃO DE ESTUDANTES IRREGULARES 2013 INSCRIÇÃO DE ESTUDANTES IRREGULARES Este documento visa orientar as ações para a inscrição de estudantes irregulares no de anos anteriores e esclarecer as dúvidas que possam aparecer durante o processo

Leia mais

REGULAMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO

REGULAMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO 1 REGULAMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM TEORIA GERAL DO CRIME INSTITUTO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS CRIMINAIS IBCCRIM E INSTITUTO DE DIREITO PENAL ECONÓMICO E EUROPEU - IDPEE DA FACULDADE DE DIREITO DA UNIVERSIDADE

Leia mais

EDITAL N. 02 PARA SELEÇÃO DE AGENTES COMUNITÁRIOS DE JUSTIÇA E CIDADANIA DO NÚCLEO DE JUSTIÇA COMUNITÁRIA DE GOIÁS

EDITAL N. 02 PARA SELEÇÃO DE AGENTES COMUNITÁRIOS DE JUSTIÇA E CIDADANIA DO NÚCLEO DE JUSTIÇA COMUNITÁRIA DE GOIÁS EDITAL N. 02 PARA SELEÇÃO DE AGENTES COMUNITÁRIOS DE JUSTIÇA E CIDADANIA DO NÚCLEO DE JUSTIÇA COMUNITÁRIA DE GOIÁS 1. DA ABERTURA 1.1. A Prefeitura Municipal de Goiás convida toda comunidade Vilaboense,

Leia mais

SECRETARIA GERAL EDITAL Nº 003/2013 EDITAL DE RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA PARA O 2º SEMESTRE DE 2013

SECRETARIA GERAL EDITAL Nº 003/2013 EDITAL DE RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA PARA O 2º SEMESTRE DE 2013 Pág. 1 SECRETARIA GERAL EDITAL Nº 003/2013 EDITAL DE RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA PARA O 2º SEMESTRE DE 2013 A Secretária Geral, no uso de suas atribuições, e por ordem do Diretor Executivo da Faculdade Católica

Leia mais

Art. 18º. Cabe ao Aluno Beneficiado:

Art. 18º. Cabe ao Aluno Beneficiado: SISTEMA DE INCLUSÃO EDUCACIONAL ESTUDE JÁ BRASIL REGULAMENTO I DO SISTEMA Art. 1. - O ESTUDE JÁ BRASIL é um sistema de INCLUSÃO EDUCACIONAL e tem por objetivos: I incentivar o cadastramento de cidadãos

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO DIREITO PENAL 1º Semestre de 2016

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO DIREITO PENAL 1º Semestre de 2016 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO DIREITO PENAL 1º Semestre de 2016 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as normas para inscrição e matrícula

Leia mais

Curso Atos Legais Turno. Vagas para o 1º período somente serão disponibilizadas em caso de vagas remanescentes do Vestibular.

Curso Atos Legais Turno. Vagas para o 1º período somente serão disponibilizadas em caso de vagas remanescentes do Vestibular. Edital de Convocação para Ingresso nos cursos da Graduação em 2015/1 através de Transferência Interna de Curso e Transferência Externa entre Faculdades A Diretora Geral da Escola Superior de Propaganda

Leia mais

REGULAMENTO DA CAMPANHA INDIQUE E GANHE

REGULAMENTO DA CAMPANHA INDIQUE E GANHE REGULAMENTO DA CAMPANHA INDIQUE E GANHE 1. OBJETIVO DA CAMPANHA O presente regulamento expressa a política de incentivos c o m c r é d i t o s financeiros a serem concedidos aos alunos, funcionários e/ou

Leia mais

REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO NO CURSO DE FORMAÇÃO TÉCNICA EM TESTES DE SOFTWARE PARA PESSOAS COM DEFICIÊNCIA

REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO NO CURSO DE FORMAÇÃO TÉCNICA EM TESTES DE SOFTWARE PARA PESSOAS COM DEFICIÊNCIA REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO NO CURSO DE FORMAÇÃO TÉCNICA EM TESTES DE SOFTWARE PARA PESSOAS COM DEFICIÊNCIA 1. APRESENTAÇÃO Este regulamento apresenta as regras e os critérios estabelecidos pelo Núcleo

Leia mais

REGULAMENTO. Ao ler e concordar com os termos deste Regulamento, o CANDIDATO se compromete a:

REGULAMENTO. Ao ler e concordar com os termos deste Regulamento, o CANDIDATO se compromete a: REGULAMENTO 1. OBJETIVO Este instrumento tem por objetivo regular a participação do CANDIDATO no processo de inscrição para o Catálise, programa realizado pelo Na Prática, iniciativa de carreira da Fundação

Leia mais

PERGUNTAS MAIS FREQÜENTES REALIZADAS PELOS CANDIDATOS POR MEIO DE E-MAIL

PERGUNTAS MAIS FREQÜENTES REALIZADAS PELOS CANDIDATOS POR MEIO DE E-MAIL IMPRENSA OFICIAL DO ESTADO S.A. CONCURSO PÚBLICO N.º 001/2010 PERGUNTAS MAIS FREQÜENTES REALIZADAS PELOS CANDIDATOS POR MEIO DE E-MAIL 1. EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES I. Onde encontrar as informações

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO SETOR JURÍDICO DA ASSEMP

REGIMENTO INTERNO DO SETOR JURÍDICO DA ASSEMP REGIMENTO INTERNO DO DA ASSEMP O Setor Jurídico da ASSOCIAÇÃO DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DA PREFEITURA DE BELO HORIZONTE, doravante denominado Jurídico-ASSEMP, será regido de acordo com este regimento e

Leia mais

Abrangência da terceirização

Abrangência da terceirização Reportagem especial explica os pontos polêmicos do projeto da terceirização A proposta que regulamenta a terceirização no Brasil e derrubou a reunião da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania

Leia mais

ESCOLA DE SAÚDE PÚBLICA DO ESTADO DE MINAS GERAIS DIRETOR GERAL: RUBENSMIDT RIANI

ESCOLA DE SAÚDE PÚBLICA DO ESTADO DE MINAS GERAIS DIRETOR GERAL: RUBENSMIDT RIANI ESCOLA DE SAÚDE PÚBLICA DO ESTADO DE MINAS GERAIS DIRETOR GERAL: RUBENSMIDT RIANI CREDENCIAMENTO DE DOCENTE ESP-MG Nº 022/2014 Curso de Qualificação para Conselheiros Municipais e Distritais de Saúde e

Leia mais

INTRODUÇÃO O QUE É MONITORIA

INTRODUÇÃO O QUE É MONITORIA MANUAL DE MONITORIA Maceió Alagoas 1 INTRODUÇÃO A Facima oferece ao aluno a oportunidade de iniciar-se na função docente através do exercício de Monitorias. Apenas será considerado monitor o aluno que

Leia mais

REGULAMENTO CONCURSO CULTURAL DA COPA COPA PREMIADA TORCIDA ALFA

REGULAMENTO CONCURSO CULTURAL DA COPA COPA PREMIADA TORCIDA ALFA REGULAMENTO CONCURSO CULTURAL DA COPA COPA PREMIADA TORCIDA ALFA Leia este Regulamento com atenção, ele informa como participar do CONCURSO CULTURAL DA COPA - COPA PREMIADA - TORCIDA ALFA, promovido pela

Leia mais

Dúvidas mais frequentes. Concurso Público para de servidores Técnicos Administrativos em Educação IMPORTANTE

Dúvidas mais frequentes. Concurso Público para de servidores Técnicos Administrativos em Educação IMPORTANTE Dúvidas mais frequentes Concurso Público para de servidores Técnicos Administrativos em Educação IMPORTANTE O Edital 30/2015 do concurso e seus anexos, todos disponíveis no sitio eletrônico do INSTITUTO

Leia mais

Edital do XII Concurso de Projetos. Desenvolvimento Institucional das Organizações e Grupos de Mulheres e Meninas Negras no Nordeste do Brasil

Edital do XII Concurso de Projetos. Desenvolvimento Institucional das Organizações e Grupos de Mulheres e Meninas Negras no Nordeste do Brasil Edital do XII Concurso de Projetos Desenvolvimento Institucional das Organizações e Grupos de Mulheres e Meninas Negras no Nordeste do Brasil O ELAS, Fundo de Investimento Social, organização sediada no

Leia mais

Associativismo a modernização do sindicalismo nacional

Associativismo a modernização do sindicalismo nacional A união faz a força O dito popular encaixa-se como uma luva quando o assunto é associativismo o assunto em pauta no meio sindical. As principais confederações patronais do País estão investindo nessa bandeira

Leia mais

Direito Civil (Parte Geral e Obrigações) Direito Civil (Teoria Geral dos Contratos) Direito Civil (Contratos em Espécie)

Direito Civil (Parte Geral e Obrigações) Direito Civil (Teoria Geral dos Contratos) Direito Civil (Contratos em Espécie) A Universidade Candido Mendes tem como mantenedora a Sociedade Brasileira de Instrução, a mais antiga instituição particular de ensino superior do país, fundada em 1902 pelo Conde Candido Mendes de Almeida,

Leia mais

DO ORGANOGRAMA DAS DIRETORIAS DA ABA DA SUBSEÇÃO NACIONAL As diretorias Executivas da ABA, Nacional, Estadual e Regional, dividem-se em dois grupos,

DO ORGANOGRAMA DAS DIRETORIAS DA ABA DA SUBSEÇÃO NACIONAL As diretorias Executivas da ABA, Nacional, Estadual e Regional, dividem-se em dois grupos, DO ORGANOGRAMA DAS DIRETORIAS DA ABA DA SUBSEÇÃO NACIONAL As diretorias Executivas da ABA, Nacional, Estadual e Regional, dividem-se em dois grupos, sendo um grupo de Diretores Administrativos e um grupo

Leia mais

Como proceder à notificação e para onde encaminhá-la?

Como proceder à notificação e para onde encaminhá-la? Se a família não quiser ou não puder assumir a notificação, o educador deverá informar a família que, por força da lei, terá que notificar o fato aos órgãos competentes. Como proceder à notificação e para

Leia mais

REGULAMENTO CONCURSO CULTURAL DO DIA DOS PAIS É A CARA DO PAI!

REGULAMENTO CONCURSO CULTURAL DO DIA DOS PAIS É A CARA DO PAI! REGULAMENTO CONCURSO CULTURAL DO DIA DOS PAIS É A CARA DO PAI! Leia este Regulamento com atenção, ele informa como participar do CONCURSO CULTURAL DOS PAIS - É A CARA DO PAI!, promovido pela FADISP, sediada

Leia mais

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO PISO SALARIAL

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO PISO SALARIAL CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO, que entre si fazem, nos termos do artigo 611 e seguintes da Consolidação das Leis do Trabalho, artigos 7º, XXVI, e, 8º VI, da Constituição da República, SINDICATO DOS PROFESSORES

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PARA ESTÁGIO SUPERVISIONADO VOLUNTÁRIO NO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA DA FACULDADE METROPOLITANA DA GRANDE FORTALEZA (FAMETRO)

EDITAL DE SELEÇÃO PARA ESTÁGIO SUPERVISIONADO VOLUNTÁRIO NO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA DA FACULDADE METROPOLITANA DA GRANDE FORTALEZA (FAMETRO) EDITAL DE SELEÇÃO PARA ESTÁGIO SUPERVISIONADO VOLUNTÁRIO NO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA DA FACULDADE METROPOLITANA DA GRANDE FORTALEZA (FAMETRO) A Coordenação do curso de Direito e a Coordenação do Núcleo

Leia mais

ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DE CUIDADOS PALIATIVOS. Núcleo da Região Autónoma dos Açores Associação Portuguesa de Cuidados Paliativos NRA - APCP

ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DE CUIDADOS PALIATIVOS. Núcleo da Região Autónoma dos Açores Associação Portuguesa de Cuidados Paliativos NRA - APCP ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DE CUIDADOS PALIATIVOS Núcleo da Região Autónoma dos Açores Associação Portuguesa de Cuidados Paliativos NRA - APCP abril de 2012 Núcleo Regional dos Açores da Associação Portuguesa

Leia mais

INSTRUÇÃO CVM Nº 51, DE 09 DE JUNHO DE 1986.

INSTRUÇÃO CVM Nº 51, DE 09 DE JUNHO DE 1986. INSTRUÇÃO CVM Nº 51, DE 09 DE JUNHO DE 1986. Regulamenta a concessão de financiamento para compra de ações pelas Sociedades Corretoras e Distribuidoras. O Presidente da Comissão de Valores Mobiliários

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE FORMAÇÃO PARA CAPACITAÇÃO DE CAPITAL HUMANO EM LÍNGUA INGLESA DO PORTO DIGITAL

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE FORMAÇÃO PARA CAPACITAÇÃO DE CAPITAL HUMANO EM LÍNGUA INGLESA DO PORTO DIGITAL REGULAMENTO DO PROGRAMA DE FORMAÇÃO PARA CAPACITAÇÃO DE CAPITAL HUMANO EM LÍNGUA INGLESA DO PORTO DIGITAL 1. APRESENTAÇÃO Este regulamento apresenta as regras e os critérios estabelecidos pelo Núcleo de

Leia mais

EDITAL DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA EM GESTÃO INDUSTRIAL

EDITAL DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA EM GESTÃO INDUSTRIAL FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI FLORIANÓPOLIS DIREÇÃO GERAL DA FACULDADE: JOÃO ROBERTO LORENZETT COORDENAÇÃO DA FACULDADE: PRISCILA FAGUNDES COORDENAÇÃO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU: RONALDO CARLOS

Leia mais

PROGRAMAS DA POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL EDITAL Nº 03/2015

PROGRAMAS DA POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL EDITAL Nº 03/2015 PROGRAMAS DA POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL EDITAL Nº 03/2015 O Coordenador de Ensino do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba, Campus Avançado Cabedelo Centro, no uso de suas

Leia mais

Projeto Amplitude. Plano de Ação 2015. Conteúdo

Projeto Amplitude. Plano de Ação 2015. Conteúdo Projeto Amplitude Plano de Ação 2015 P r o j e t o A m p l i t u d e R u a C a p i t ã o C a v a l c a n t i, 1 4 7 V i l a M a r i a n a S ã o P a u l o 11 4304-9906 w w w. p r o j e t o a m p l i t u

Leia mais

REGULALMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE DE PRESIDENTE PRUDENTE

REGULALMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE DE PRESIDENTE PRUDENTE 1 REGULALMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE DE PRESIDENTE PRUDENTE CAPÍTULO I DA FINALIDADE Artigo 1º O Núcleo de Prática Jurídica é órgão destinado a coordenar, executar

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 2 º SEMESTRE DE 2015

PROCESSO SELETIVO 2 º SEMESTRE DE 2015 1 Processo Seletivo 2015.2 Edital FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC RIO PROCESSO SELETIVO 2 º SEMESTRE DE 2015 SENAC RJ FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC RIO O SENAC Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial,

Leia mais

REGULAMENTO DESAFIO CRIATIVOS DA ESCOLA

REGULAMENTO DESAFIO CRIATIVOS DA ESCOLA REGULAMENTO DESAFIO CRIATIVOS DA ESCOLA O Desafio Criativos da Escola é um concurso promovido pelo Instituto Alana com sede na Rua Fradique Coutinho, 50, 11 o. andar, Bairro Pinheiros São Paulo/SP, CEP

Leia mais

Relatório da assessoria de imprensa do CORECON/RS Eleição e posse dos dirigentes presidente e vice-presidente do CORECON/RS

Relatório da assessoria de imprensa do CORECON/RS Eleição e posse dos dirigentes presidente e vice-presidente do CORECON/RS Relatório da assessoria de imprensa do CORECON/RS Eleição e posse dos dirigentes presidente e vice-presidente do CORECON/RS Data: 15 de janeiro Hora: 12 horas Local: Sede do Conselho Regional de Economia

Leia mais

Valorizando ideias e experiências participativas que promovam o direito humano à educação REGULAMENTO

Valorizando ideias e experiências participativas que promovam o direito humano à educação REGULAMENTO REGULAMENTO 1. O RECONHECIMENTO PÚBLICO DE OLHO NOS PLANOS 1.1. O Reconhecimento Público é uma ação da iniciativa De Olho nos Planos, composta pelos seguintes parceiros: Ação Educativa, UNICEF, Campanha

Leia mais

VERITAE TRABALHO PREVIDÊNCIA SOCIAL SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO LEX OUTROS. CAC-Centro Virtual de Atendimento ao Contribuinte da SRF - e-cac

VERITAE TRABALHO PREVIDÊNCIA SOCIAL SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO LEX OUTROS. CAC-Centro Virtual de Atendimento ao Contribuinte da SRF - e-cac VERITAE TRABALHO PREVIDÊNCIA SOCIAL SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO LEX OUTROS Orientador Empresarial CAC-Centro Virtual de Atendimento ao Contribuinte da SRF - e-cac INSTRUÇÃO NORMATIVA SRF nº 580/2005

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO JORNALISMO ESPORTIVO E NEGÓCIOS DO ESPORTE 1º Semestre de 2016

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO JORNALISMO ESPORTIVO E NEGÓCIOS DO ESPORTE 1º Semestre de 2016 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO JORNALISMO ESPORTIVO E NEGÓCIOS DO ESPORTE 1º Semestre de 2016 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as

Leia mais

TÍTULO: MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL - A IMPORTÂNCIA DA FORMALIZAÇÃO

TÍTULO: MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL - A IMPORTÂNCIA DA FORMALIZAÇÃO TÍTULO: MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL - A IMPORTÂNCIA DA FORMALIZAÇÃO CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS SUBÁREA: CIÊNCIAS CONTÁBEIS INSTITUIÇÃO: FACULDADE ANHANGUERA DE RIO CLARO AUTOR(ES):

Leia mais

O Centro Universitário Senac utilizará o e-mail cadastrado pelo candidato como meio de comunicação.

O Centro Universitário Senac utilizará o e-mail cadastrado pelo candidato como meio de comunicação. INSCRIÇÕES Como fazer a inscrição No período de 14 de março a 19 de junho de 2011, o candidato deverá acessar o site www.sp.senac.br/vestibular e preencher previamente seus dados cadastrais para obter

Leia mais

QUANTO VALE O SEU TRABALHO? PARTE 2: HONORÁRIOS NUTRIS BRASIL

QUANTO VALE O SEU TRABALHO? PARTE 2: HONORÁRIOS NUTRIS BRASIL QUANTO VALE O SEU TRABALHO? PARTE 2: HONORÁRIOS NUTRIS BRASIL Por Profa.Dra. Cyllene de M.OC de Souza Dra em Ciência e Tecnologia de Alimentos (UFRRJ), Mestre em Vigilância Sanitária (INCQS-FIOCRUZ) Supervisora

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU 2º SEMESTRE/2015

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU 2º SEMESTRE/2015 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU 2º SEMESTRE/2015 ABERTURA A Escola de Direito de São Paulo da Fundação Getulio Vargas (FGV DIREITO SP) torna pública a abertura das inscrições

Leia mais

B - Programa de Inclusão, Capacitação para Filhos, Dependentes Legais e Estudantes

B - Programa de Inclusão, Capacitação para Filhos, Dependentes Legais e Estudantes Bolsas de estudo A - Programa de Capacitação do PROFESSOR/AUXILIAR Todo PROFESSOR/AUXILIAR tem direito a bolsa de estudo integral, incluindo matrícula, em cursos de graduação, sequenciais e pós-graduação

Leia mais

Portal dos Convênios - Siconv. Credenciamento do Proponente. Manual do Usuário

Portal dos Convênios - Siconv. Credenciamento do Proponente. Manual do Usuário MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE LOGÍSTICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DEPARTAMENTO DE LOGÍSTICA E SERVIÇOS GERAIS Portal dos Convênios - Siconv Credenciamento do Proponente Manual

Leia mais