REGIMES de Ingresso para os cursos da ESCOLA SUPERIOR AGRÁRIA DE ELVAS DO INSTITUTO POLITÉCNICO DE PORTALEGRE

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "REGIMES de Ingresso para os cursos da ESCOLA SUPERIOR AGRÁRIA DE ELVAS DO INSTITUTO POLITÉCNICO DE PORTALEGRE"

Transcrição

1 REGIMES de Ingresso para os cursos da ESCOLA SUPERIOR AGRÁRIA DE ELVAS DO INSTITUTO POLITÉCNICO DE PORTALEGRE 1) REGIME GERAL DE ACESSO Licenciaturas Enfermagem Veterinária Engenharia Agronómica Engenharia Agronómica (Espaços Verdes) Equinicultura Provas de Ingresso Uma das seguintes provas: 02 Biologia e Geologia ou 07 Física e Química ou 16 Matemática. Prérequisitos Nota do último colocado 2009 (1.ª fase) Código Duração do Curso - 114,0 3123/ anos / anos Aptidão física verificação de capacidades para a prática da equitação (Grupo Q)* 108,0 3123/ anos Candidatura: de acordo com calendário de acesso ao Ensino Superior Para mais informações, contactar os Serviços Académicos da ESAE ou Gabinete de Informação e Comunicação Tel:

2 2) REGIMES DE REINGRESSO, MUDANÇA DE CURSO E TRANSFERÊNCIA Em que consistem estes regimes? a) Reingresso: é o acto pelo qual um estudante, após uma interrupção dos estudos num determinado curso e estabelecimento de ensino superior, se matricula no mesmo estabelecimento e se inscreve no mesmo curso ou em curso que lhe tenha sucedido. b) Mudança de Curso: é o acto pelo qual um estudante se inscreve em curso superior diferente daquele em que praticou a última inscrição, no mesmo ou noutro estabelecimento de ensino, tendo havido ou não interrupção da inscrição. c) Transferência: é o acto pelo qual um estudante se inscreve e matrícula no mesmo curso em estabelecimento diferente daquele em que está ou esteve matriculado, tendo havido ou não interrupção da inscrição. Candidatura para Mudanças de Curso e Transferências: Agosto de 2010 Candidatura para Reingressos: as candidaturas serão aceites durante todo o ano lectivo 2010/2011, desde que o par estabelecimento/curso se encontre em funcionamento. Para mais informações, contactar os Serviços Académicos da ESAE: Tel: ou ) Regulamento dos Regimes de Reingresso, Mudança de Curso e Transferência ( TR% %20Rev0.pdf)

3 3) CONCURSOS ESPECIAIS DE ACESSO O que são? São concursos de acesso ao ensino superior que se destinam a estudantes com habilitações específicas. No mesmo ano lectivo só pode requerer matrícula e inscrição através de um dos concursos especiais. As vagas para cada par estabelecimento/curso, em cada um dos concursos, são fixadas anualmente pelos estabelecimentos de ensino superior. Os concursos são válidos apenas para o ano em que se realizam. Que Concursos Especiais é que existem? a) Maiores de 23 Anos Para a realização das referidas provas podem inscrever-se os candidatos que: - completem 23 anos até ao dia 31 de Dezembro, do ano que antecede a realização das mesmas e não sejam titulares da habilitação de acesso ao ensino superior (se realizaram e obtiveram aprovação nas provas de ingresso para o curso superior onde pretendem ingressar, são titulares da referida habilitação de acesso). Inscrição para as provas: Abril a Maio de 2010 Candidatura: Agosto de 2010 Para mais informações, contactar os Serviços Académicos da ESAE: Tel: ou )

4 b) Titulares de cursos superiores Titulares de Cursos médios Titulares de um Diploma de Especialização Tecnológica obtido após conclusão de um Curso de Especialização Tecnológica (CET). Lista de cursos CET (Cursos de Especialização Tecnológica) com acesso às licenciaturas da ESAE (mais abaixo) Candidatura: Agosto de 2010 Para mais informações, contactar os Serviços Académicos da ESAE: Tel: ou )

5 CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA COM ACESSO ÀS LICENCIATURAS DA ESAE Áreas de formação CET Cursos da ESAE a que dão acesso EA EV EQ 421 Biologia e Bioquímica Técnico de Laboratório x x x Ciências da Vida programas não classificados noutras áreas de formação Herbalismo x x x Qualidade Alimentar x x Tecnologia Alimentar x x Indústrias Alimentares Técnicas de Lacticínios x x Corte e Tecnologia de Carnes x x Segurança e Higiene Alimentar x x x Produção Enológica x x x Produção Agrícola e Animal Viticultura e Enologia x Mecanização e Tecnologia Agrária x x x Olivicultura e Viticultura x x x Maneio e Utilização do Cavalo x x x Olivicultura e Tecnologia do Azeite x Tecnologias de Produção Integrada em Hortícolas x x x Culturas Regadas x x x Agricultura Biológica x x x Produção Avícola x x Floricultura e Jardinagem Instalação e Manutenção de Espaços Verdes x x x Silvicultura e Caça Defesa da Floresta contra Incêndios x Ciências Veterinárias Cuidados Veterinários x x x Turismo e Lazer Guia de Turismo Equestre x x x Gestão de Animação Turística em Espaço Rural x x Animação em Turismo de Natureza e Aventura x x Técnicas de Turismo Ambiental x x Tecnologia de Protecção do Ambiente Técnicas de Gestão Ambiental x x x Qualidade Ambiental x x x Enquadramento na Organização/Empresa Técnicas de Gestão da Qualidade e do Ambiente x x x Gestão da Qualidade x x x Agricultura, Silvicultura e Pescas - programas não classificados noutra área de formação Gestão de Recursos Cinegéticos e Aquícolas x x x Topografia e Cadastro x Arquitectura e Urbanismo Técnicas de Ordenamento do Território e Urbanismo x Protecção de Pessoas e Bens Protecção Civil x x x Electricidade e Energia Energias Renováveis x x x Análises Químicas e Microbiológicas x x x Tecnologia dos Processos Químicos Análises Químicas e Biológicas x x x Energia e Biocombustíveis x Técnicas de Análise x x x

6

Regulamento dos Regimes de Reingresso, Mudança de Curso e Transferência

Regulamento dos Regimes de Reingresso, Mudança de Curso e Transferência Regulamento dos Regimes de Reingresso, Mudança de Curso e Transferência A Portaria n 401/2007, de 5 de Abril, aprova o Regulamento dos Regimes de Mudança de Curso, Transferência e Reingresso no Ensino

Leia mais

CTeSP em Produção Agropecuária

CTeSP em Produção Agropecuária CTeSP em Produção Agropecuária O Curso de Técnico Superior Profissional em Produção Agropecuária forma profissionais que autonomamente ou integrados em equipa, planeiam, organizam, coordenam e executam

Leia mais

Cod. Vagas 2014 Estudantes 3123 IP Portalegre - ES Agrária

Cod. Vagas 2014 Estudantes 3123 IP Portalegre - ES Agrária EDITAL CONCURSO ESPECIAL DE ACESSO E INGRESSO PARA ESTUDANTES INTERNACIONAIS Nos termos do Decreto-Lei nº 36/2014, de 10 de março e do Regulamento do Estudante Internacional do Instituto Politécnico de

Leia mais

IPBeja - Cursos de Especialização Tecnológica que dão acesso ao curso de Ciência e Tecnologia dos Alimentos

IPBeja - Cursos de Especialização Tecnológica que dão acesso ao curso de Ciência e Tecnologia dos Alimentos Universitário R.A.Açores Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo 7264 - Corte e Tecnologia de Carnes 541 - Indústrias es Universitário R.A.Açores Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo 7109 -

Leia mais

CTeSP em Viticultura e Enologia

CTeSP em Viticultura e Enologia CTeSP em Viticultura e Enologia O Curso Técnico Superior Profissional em Viticultura e Enologia forma profissionais que autonomamente ou integrados em equipa efetuam funções na área da viticultura, enologia

Leia mais

Produção Agroflorestal

Produção Agroflorestal Produção Agroflorestal O Curso Técnico Superior Profissional de Produção Agroflorestal forma profissionais que, autonomamente ou integrados em equipa, planeiam, gerem e supervisionam áreas agrícolas e

Leia mais

ANO LECTIVO 2013/2014

ANO LECTIVO 2013/2014 DIVISÃO DE GESTÃO ACADÉMICA/ SERVIÇO DE FORMAÇÃO GRADUADA ANO LECTIVO 2013/2014 REGIMES DE MUDANÇA DE CURSO, TRANSFERÊNCIA E REINGRESSO Estes regimes são regulados pela Portaria n.º 401/2007, de 5 de Abril.

Leia mais

Acesso ao curso de Licenciatura em ENGENHARIA DO AMBIENTE (ESTGV/IPV) para titulares de CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA*

Acesso ao curso de Licenciatura em ENGENHARIA DO AMBIENTE (ESTGV/IPV) para titulares de CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA* Acesso ao curso de Licenciatura em ENGENHARIA DO AMBIENTE (ESTGV/IPV) para titulares de CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA* * CETs referenciados pelo Conselho Técnico-Científico da ESTGV para acesso

Leia mais

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR GUIAS PROVAS DE INGRESSO ALTERAÇÕES PARA 2016, 2017, 2018 PÚBLICO PRIVADO COMISSÃO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR GUIAS PROVAS DE INGRESSO ALTERAÇÕES PARA 2016, 2017, 2018 PÚBLICO PRIVADO COMISSÃO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR ACESSO AO ENSINO SUPERIOR GUIAS PROVAS DE INGRESSO ALTERAÇÕES PARA 2016, 2017, 2018 PÚBLICO PRIVADO COMISSÃO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR DIREÇÃO GERAL DO ENSINO SUPERIOR Direção de Serviços de

Leia mais

Regulamento Geral dos Regimes de Reingresso, Mudança de Par/Instituição/Curso

Regulamento Geral dos Regimes de Reingresso, Mudança de Par/Instituição/Curso Regulamento Geral dos Regimes de Reingresso, Mudança de Par/Instituição/Curso A Portaria nº 181-D/2015, de 19 de junho, aprova o Regulamento Geral dos Regimes de Reingresso e de Mudança de Par Instituição

Leia mais

Regulamento dos Concursos Especiais de Acesso e Ingresso no Ensino Superior nos Cursos Ministrados na Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro

Regulamento dos Concursos Especiais de Acesso e Ingresso no Ensino Superior nos Cursos Ministrados na Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Regulamento dos Concursos Especiais de Acesso e Ingresso no Ensino Superior nos Cursos Ministrados na Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro TÍTULO I Disposições gerais Artigo 1.º Âmbito O presente

Leia mais

2006 a 2010 REGIMES ESPECIAIS. PALOP s e Timor-Leste. DSAES: Vânia Néné Virgínia Ferreira. Colaboração Bruno Pereira Maria das Dores Ribeiro

2006 a 2010 REGIMES ESPECIAIS. PALOP s e Timor-Leste. DSAES: Vânia Néné Virgínia Ferreira. Colaboração Bruno Pereira Maria das Dores Ribeiro 2006 a 2010 DSAES: Vânia Néné Virgínia Ferreira Outubro de 2011 Colaboração Bruno Pereira Maria das Dores Ribeiro ÍNDICE: 1. Enquadramento e apreciação dos resultados.. pág. 2 2. Estatísticas dos candidatos,

Leia mais

Formação e Tendências de Mercado da Formação Graduada e Pós graduada 1

Formação e Tendências de Mercado da Formação Graduada e Pós graduada 1 Número de Alunos Formação e Tendências de Mercado da Formação Graduada e Pós graduada 1 Susana Justo, Diretora Geral da Qmetrics 1. Formação em ensino superior, graduada e pós graduada. Em Portugal continua

Leia mais

Regulamento das Provas Especialmente Adequadas Destinadas a Avaliar a Capacidade para a Frequência do Ensino Superior dos Maiores de 23 Anos.

Regulamento das Provas Especialmente Adequadas Destinadas a Avaliar a Capacidade para a Frequência do Ensino Superior dos Maiores de 23 Anos. Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril Regulamento n.º 100/2006 (Diário da República II Série de 16 de Junho de 2006) Regulamento das Provas Especialmente Adequadas Destinadas a Avaliar a Capacidade

Leia mais

Licenciatura em Informática Licenciatura em Engenharia Multimédia

Licenciatura em Informática Licenciatura em Engenharia Multimédia Ensinar a saber fazer Profissionais com Futuro desde 1990 L I C E N C I A T U R A S ADEQUADAS AO PROCESSO DE BOLONHA Licenciatura em Informática Licenciatura em Engenharia Multimédia A estratégia do ISTEC

Leia mais

UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA. Faculdade de Ciências e Tecnologia Diário da República, 2 série N.º 186 26 de Setembro de 2006. Resolução n.

UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA. Faculdade de Ciências e Tecnologia Diário da República, 2 série N.º 186 26 de Setembro de 2006. Resolução n. UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia Diário da República, 2 série N.º 186 26 de Setembro de 2006 Resolução n.º 94/2006 Por resolução do conselho directivo da Faculdade de Ciências

Leia mais

EDITAL REGIMES DE MUDANÇA DE CURSO, TRANSFERÊNCIA E REINGRESSO NO ENSINO SUPERIOR 2015/2016

EDITAL REGIMES DE MUDANÇA DE CURSO, TRANSFERÊNCIA E REINGRESSO NO ENSINO SUPERIOR 2015/2016 EDITAL REGIMES DE MUDANÇA DE CURSO, TRANSFERÊNCIA E REINGRESSO NO ENSINO SUPERIOR 205/206 (Portaria n.e 40/2007, de 5 de abril, alterada pela portaria n.s 232-A/203, de 22 de julho, e pelo Decreto-Lei

Leia mais

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR - GUIAS PROVAS DE INGRESSO ALTERAÇÕES PARA 2015, 2016, 2017 PÚBLICO PRIVADO COMISSÃO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR - GUIAS PROVAS DE INGRESSO ALTERAÇÕES PARA 2015, 2016, 2017 PÚBLICO PRIVADO COMISSÃO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR ACESSO AO ENSINO SUPERIOR - GUIAS PROVAS DE INGRESSO ALTERAÇÕES PARA 2015, 2016, 2017 PÚBLICO PRIVADO COMISSÃO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR DIREÇÃO-GERAL DO ENSINO SUPERIOR Direção de Serviços

Leia mais

IV CURSOS DO ENSINO PROFISSIONAL Nível III

IV CURSOS DO ENSINO PROFISSIONAL Nível III Apresentação O Ensino Profissional é uma modalidade especial de educação que visa, essencialmente, o desenvolvimento da formação profissional qualificante dos jovens. Dado o facto de dedicarem grande parte

Leia mais

RESULTADOS DA 1.ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO

RESULTADOS DA 1.ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO ACESSO AO ENSINO SUPERIOR 2015 RESULTADOS DA 1.ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO NOTA 1. Encontra se concluída a colocação na primeira fase do 39.º concurso nacional de acesso, tendo sido admitidos,

Leia mais

REGULAMENTO DO REGIME DE REINGRESSO, MUDANÇA DE CURSO E TRANSFERÊNCIA. CAPÍTULO I Artigo 1º

REGULAMENTO DO REGIME DE REINGRESSO, MUDANÇA DE CURSO E TRANSFERÊNCIA. CAPÍTULO I Artigo 1º REGULAMENTO DO REGIME DE REINGRESSO, MUDANÇA DE CURSO E TRANSFERÊNCIA CAPÍTULO I Artigo 1º Âmbito O presente Regulamento disciplina os regimes de Reingresso, Mudança de Curso e Transferência para os Cursos

Leia mais

Regulamento Geral dos Regimes de Mudança de Curso, Transferência e Reingresso e do concurso Especial de Acesso para Titulares de Cursos Superiores

Regulamento Geral dos Regimes de Mudança de Curso, Transferência e Reingresso e do concurso Especial de Acesso para Titulares de Cursos Superiores Regulamento Geral dos Regimes de Mudança de Curso, Transferência e Reingresso e do concurso Especial de Acesso para Titulares de Cursos Superiores 2015 Março de 2015 ÍNDICE Artigo 1º... 3 Objeto e Âmbito...

Leia mais

Área de Ciências Biologia. Biologia e Geologia. Bioquímica. Ciência Alimentar Código Par Instituição / Curso: 1204 / 9693

Área de Ciências Biologia. Biologia e Geologia. Bioquímica. Ciência Alimentar Código Par Instituição / Curso: 1204 / 9693 Área de Ciências Biologia Código Par Instituição / Curso: 1204 / 9011 Nota do último colocado: 2012: 139,9 2013: 134,0 Biologia e Geologia Código Par Instituição / Curso: 1204 / 9012 Nota do último colocado:

Leia mais

Regulamento da Candidatura através dos Concursos Especiais. Ano Lectivo 2008/2009

Regulamento da Candidatura através dos Concursos Especiais. Ano Lectivo 2008/2009 Regulamento da Candidatura através dos Concursos Especiais (DL nº393-b/99 de 2 de Outubro, Portaria nº854-a/99 de 4 de Outubro, Portaria nº1081/2001 de 5 de Setembro, Portaria nº393/2002 de 12 de Abril)

Leia mais

TPG FO1ifliC0 cl Guarda

TPG FO1ifliC0 cl Guarda Øw TPG FO1ifliC0 cl Guarda EDITAL INSTITUTO POLITÉCNICO DA GUARDA CONCURSOS ESPECIAIS DE ACESSO E INGRESSO NO ENSINO SUPERIOR EDIÇÃO 2015/2016 Constantino Mendes Rei, Presidente do Instituto Politécnico

Leia mais

Regulamento Geral dos Regimes de Mudança de Curso, Transferência e Reingresso e do concurso Especial de Acesso para Titulares de Cursos Superiores,

Regulamento Geral dos Regimes de Mudança de Curso, Transferência e Reingresso e do concurso Especial de Acesso para Titulares de Cursos Superiores, Regulamento Geral dos Regimes de Mudança de Curso, Transferência e Reingresso e do concurso Especial de Acesso para Titulares de Cursos Superiores, Pós- Secundários e Médios 2014 2014 ÍNDICE Preâmbulo...

Leia mais

DIRETORIA DE CONCURSO VESTIBULAR

DIRETORIA DE CONCURSO VESTIBULAR DIRETORIA DE CONCURSO VESTIBULAR EDITAL Nº 001/2011-DCV PUBLICAÇÃO DA RELAÇÃO DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO CONSIDERADOS COMO CURSOS AFINS DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UNIOESTE. O Diretor de Concurso Vestibular

Leia mais

ANO LETIVO 2014 / 2015 I NÚMERO DE VAGAS

ANO LETIVO 2014 / 2015 I NÚMERO DE VAGAS Código IMP.EM.EI.8_ ANO LETIVO 2 / 25 I NÚMERO DE VAGAS. O número total de vagas para o º ano de cada curso, é: VAGAS Medicina Dentária (MD) 2 Ciências Farmacêuticas (CF) 2* Engenharia Biomédica (EB) 8

Leia mais

REGULAMENTO DOS REGIMES DE REINGRESSO, MUDANÇA DE CURSO E TRANSFERÊNCIA NOS CURSOS DA UNIVERSIDADE DE TRÁS-OS-MONTES E ALTO DOURO. Artigo 1.

REGULAMENTO DOS REGIMES DE REINGRESSO, MUDANÇA DE CURSO E TRANSFERÊNCIA NOS CURSOS DA UNIVERSIDADE DE TRÁS-OS-MONTES E ALTO DOURO. Artigo 1. REGULAMENTO DOS REGIMES DE REINGRESSO, MUDANÇA DE CURSO E TRANSFERÊNCIA NOS CURSOS DA UNIVERSIDADE DE TRÁS-OS-MONTES E ALTO DOURO Artigo 1.º Objeto O presente regulamento disciplina os regimes de reingresso,

Leia mais

DESPACHO SP/3/2015 CONCURSO ESPECIAL DE ACESSO E INGRESSO PARA ESTUDANTES INTERNACIONAIS, DO INSTITUTO POLITÉCNICO DE COIMBRA

DESPACHO SP/3/2015 CONCURSO ESPECIAL DE ACESSO E INGRESSO PARA ESTUDANTES INTERNACIONAIS, DO INSTITUTO POLITÉCNICO DE COIMBRA DESPACHO SP/3/2015 CONCURSO ESPECIAL DE ACESSO E INGRESSO PARA ESTUDANTES INTERNACIONAIS, DO INSTITUTO POLITÉCNICO DE COIMBRA Nos termos dos artigos 2.º e 3.º do Regulamento do Estatuto do Estudante Internacional

Leia mais

MINISTÉRIO DAS FINANÇAS. 356 Diário da República, 1.ª série N.º 13 18 de janeiro de 2013

MINISTÉRIO DAS FINANÇAS. 356 Diário da República, 1.ª série N.º 13 18 de janeiro de 2013 356 Diário da República, 1.ª série N.º 13 18 de janeiro de 2013 Declaração de Retificação n.º 4/2013 Nos termos das disposições conjugadas da alínea r) do n.º 2 do artigo 2.º e do artigo 11.º do Decreto

Leia mais

A ACESSO AO ENSINO SUPERIOR

A ACESSO AO ENSINO SUPERIOR A ACESSO AO ENSINO SUPERIOR 1. Concurso Nacional de Acesso 1.1. Quem pode candidatar-se ao ensino superior? Podem candidatar-se ao ensino superior, os estudantes que satisfaçam cumulativamente, as seguintes

Leia mais

ORDEM DOS ENGENHEIROS TÉCNICOS CURSOS DE ENGENHARIA REGISTADOS - Bacharelatos e Licenciaturas

ORDEM DOS ENGENHEIROS TÉCNICOS CURSOS DE ENGENHARIA REGISTADOS - Bacharelatos e Licenciaturas ESCOLA CURSO GRAU ESPECIALIDADE NORMAS REGISTO OBS. ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E G ÁGUEDA Engenharia Electromecânica B Mecânica a) do n.º 2 Universidade de Aveiro Engenharia Electrotécnica B ESP a)

Leia mais

LICENCIATURA EM ECOLOGIA E PAISAGISMO. Normas Regulamentares

LICENCIATURA EM ECOLOGIA E PAISAGISMO. Normas Regulamentares LICENCIATURA EM ECOLOGIA E PAISAGISMO Normas Regulamentares As presentes normas visam dar cumprimento ao artigo 14º do Decreto-Lei nº 74/2006, de 24 de Março. Diversa informação relativa a matérias aqui

Leia mais

Regulamento dos Concursos Especiais de Acesso e Ingresso no Ciclo de Estudos Conducentes ao Grau de Licenciado

Regulamento dos Concursos Especiais de Acesso e Ingresso no Ciclo de Estudos Conducentes ao Grau de Licenciado Regulamento dos Concursos Especiais de Acesso e Ingresso no Ciclo de Estudos Conducentes ao Grau de Licenciado Versão: 01 Data: 15/06/2009 Elaborado: Verificado: Aprovado: RG-PR12-02 Vice-Presidente do

Leia mais

Candidatura ao Ensino Superior

Candidatura ao Ensino Superior Candidatura ao Ensino Superior Para concluir o ensino secundário, os alunos têm que obter aprovação a todas as disciplinas do plano de estudos do respetivo curso. Nas disciplinas não sujeitas à realização

Leia mais

Regulamento da Candidatura através dos Concursos Especiais. Ano Letivo 2013/2014

Regulamento da Candidatura através dos Concursos Especiais. Ano Letivo 2013/2014 Regulamento da Candidatura através dos Concursos Especiais (Decreto-Lei nº393-b/99, de 2 de outubro, alterado pelo Decreto-lei nº64/2006, de 21 de março, pelo Decreto-Lei nº88/2006, de 23 de maio, e pela

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA DOS ÓRGÃOS COLEGIADOS DELIBERAÇÃO Nº 81, DE 18 DE JUNHO DE 2010.

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA DOS ÓRGÃOS COLEGIADOS DELIBERAÇÃO Nº 81, DE 18 DE JUNHO DE 2010. UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA DOS ÓRGÃOS COLEGIADOS DELIBERAÇÃO Nº 81, DE 18 DE JUNHO DE 2010. O CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE

Leia mais

Regulamento dos regimes de reingresso, mudança de curso, transferência e do concurso especial de acesso para titulares de cursos superiores.

Regulamento dos regimes de reingresso, mudança de curso, transferência e do concurso especial de acesso para titulares de cursos superiores. Regulamento dos regimes de reingresso, mudança de curso, transferência e do concurso especial de acesso para titulares de cursos superiores Preâmbulo De acordo com a portaria n.º 401/2007, de 5 de Abril,

Leia mais

Instituto Politécnico de Lisboa Escola Superior de Música de Lisboa. Regulamento dos regimes de mudança de curso, transferência e reingresso PREÂMBULO

Instituto Politécnico de Lisboa Escola Superior de Música de Lisboa. Regulamento dos regimes de mudança de curso, transferência e reingresso PREÂMBULO Instituto Politécnico de Lisboa Escola Superior de Música de Lisboa Regulamento dos regimes de mudança de curso, transferência e reingresso PREÂMBULO Nos termos do disposto no artigo 10º do Regulamento

Leia mais

Direcção do Registo Académico

Direcção do Registo Académico Direcção do Registo Académico EDITAL DE MATRÍCULAS E INSCRIÇÕES PARA OS INGRESSOS DO ANO LECTIVO DE 2015 1. INTRODUÇÃO 1.1. A Direcção do Registo Académico (DRA) da Universidade Eduardo Mondlane (UEM),

Leia mais

REGULAMENTO DOS REGIMES DE MUDANÇA DE CURSO, TRANSFERÊNCIA E REINGRESSO. Artigo 1.º. Objecto e âmbito

REGULAMENTO DOS REGIMES DE MUDANÇA DE CURSO, TRANSFERÊNCIA E REINGRESSO. Artigo 1.º. Objecto e âmbito REGULAMENTO DOS REGIMES DE MUDANÇA DE CURSO, TRANSFERÊNCIA E REINGRESSO Artigo 1.º Objecto e âmbito 1 O presente regulamento disciplina, no cumprimento da Portaria n.º 401/2007, de 5 de Abril, os concursos

Leia mais

CURSO DE LICENCIATURA EM ENFERMAGEM

CURSO DE LICENCIATURA EM ENFERMAGEM DE APOIO À CANDIDATURA AO CURSO DE LICENCIATURA EM ENFERMAGEM 1º Ciclo CANDIDATURA AO CURSO DE LICENCIATURA EM Número de vagas: - Ingresso - 30 - Transferência (1) - 01 - Mudança de Curso (1) - 01 - Maiores

Leia mais

C T A : T A B E L A D E E Q U I V A L Ê N C I A S

C T A : T A B E L A D E E Q U I V A L Ê N C I A S C T A : T A B E L A D E E Q U I V A L Ê N C I A S Ciência e Tecnologia Animal (3 anos) 1º ano/1º semestre Matemática Matemática I ou Matemática I ou Biologia celular Biologia celular ou Biologia I ou Histologia

Leia mais

UNIVERSIDADE DA BEIRA INTERIOR Gabinete do Reitor

UNIVERSIDADE DA BEIRA INTERIOR Gabinete do Reitor DESPACHO N.º 014/R/39 1. Nos termos dos Despachos n.ºs 17/007 e 18/007, de 0 de julho, as vagas para os Concursos Especiais de Acesso e para Regimes de Mudança de Curso e Transferência, 1.º ano, 1.º semestre,

Leia mais

Anexo 7 CTC 25/1/2012

Anexo 7 CTC 25/1/2012 Anexo7 CTC25/1/2012 INSTITUTO POLITÉCNICO DE LISBOA ESCOLA SUPERIOR DE EDUCAÇÃO DE LISBOA Regulamento dos regimes de mudança de curso, transferência e reingresso da Escola Superior de Educação de Lisboa

Leia mais

Regulamento dos regimes de Reingresso, Mudança de Curso e Transferência no Ciclo de Estudos conducente ao Grau de Licenciado

Regulamento dos regimes de Reingresso, Mudança de Curso e Transferência no Ciclo de Estudos conducente ao Grau de Licenciado ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM Dr. José Timóteo Montalvão Machado Regulamento dos regimes de Reingresso, Mudança de Curso e Transferência no Ciclo de Estudos conducente ao Grau de Licenciado (Preâmbulo)

Leia mais

ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM DO PORTO

ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM DO PORTO APROVADO 30 de dezembro de 2014 O Presidente, ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM DO PORTO (Paulo Parente) REGULAMENTO DOS REGIMES DE REINGRESSO, MUDANÇA DE CURSO E TRANSFERÊNCIA Capítulo I Disposições gerais

Leia mais

Regulamento dos regimes de mudança de curso, transferência e reingresso da Escola Superior de Comunicação Social

Regulamento dos regimes de mudança de curso, transferência e reingresso da Escola Superior de Comunicação Social Regulamento dos regimes de mudança de curso, transferência e reingresso da Escola Superior de Comunicação Social Objecto e âmbito Artigo 1.º Objecto e âmbito O presente regulamento disciplina no cumprimento

Leia mais

Regulamento dos Regimes de Mudança de Curso, Transferências e Reingressos do Instituto Superior de Engenharia de Lisboa

Regulamento dos Regimes de Mudança de Curso, Transferências e Reingressos do Instituto Superior de Engenharia de Lisboa Regulamento dos Regimes de Mudança de Curso, Transferências e Reingressos do Instituto Superior de Engenharia de Lisboa Artigo 1.º Objecto e âmbito 1 - O presente regulamento disciplina, no cumprimento

Leia mais

GERED - ARARANGUÁ PROVA DISCIPLINA PARA INSCRIÇÃO CÓDIGO HABILITAÇÃO MÍNIMA EXIGIDA

GERED - ARARANGUÁ PROVA DISCIPLINA PARA INSCRIÇÃO CÓDIGO HABILITAÇÃO MÍNIMA EXIGIDA GERED - ARARANGUÁ PROVA DISCIPLINA PARA INSCRIÇÃO CÓDIGO HABILITAÇÃO MÍNIMA EXIGIDA CONTABILIDADE CONTABILIDADE 433 Habilitado - Diploma e Histórico Escolar de Curso Superior em Ciências Contábeis, Administração,

Leia mais

GERED - ARARANGUÁ DISCIPLINA PARA INSCRIÇÃO PROVA HABILITAÇÃO MÍNIMA EXIGIDA

GERED - ARARANGUÁ DISCIPLINA PARA INSCRIÇÃO PROVA HABILITAÇÃO MÍNIMA EXIGIDA GERED - ARARANGUÁ PROVA DISCIPLINA PARA INSCRIÇÃO CÓDIGO CONTABILIDADE CONTABILIDADE 433 DIREITO DIREITO E LEGISLAÇÃO 453 AGRONEGÓCIO ASSOCIATIVISMO E COOPERATIVISMO SISTEMAS AGROALIMENTARES GESTAO III-

Leia mais

DESPACHO Nº 14/2007(a), com as alterações introduzidas pelo DESPACHO Nº 13/R/2011 de 11 de Abril de 2011 (Versão consolidada)

DESPACHO Nº 14/2007(a), com as alterações introduzidas pelo DESPACHO Nº 13/R/2011 de 11 de Abril de 2011 (Versão consolidada) DESPACHO Nº 14/2007(a), com as alterações introduzidas pelo DESPACHO Nº 13/R/2011 de 11 de Abril de 2011 (Versão consolidada) Assunto: Regulamento dos concursos especiais de acesso aos ciclos de estudo

Leia mais

Candidatura 2011/12 SPO - ESMAIA

Candidatura 2011/12 SPO - ESMAIA Candidatura 2011/12 IMPORTANTE: ESTE DOCUMENTO NÃO SUBSTITUI A CONSULTA DOS DOCUMENTOS OFICIAIS RELATIVAMENTE AOS ASPECTOS RELATIVOS AO ACESSO AO ENSINO SUPERIOR, E POR ISSO, NÃO DISPENSA A CONSULTA PERIÓDICA

Leia mais

Coordenação do Curso: Ana Paula Silva Fernando A. Santos

Coordenação do Curso: Ana Paula Silva Fernando A. Santos Coordenação do Curso: Ana Paula Silva Fernando A. Santos Um curso com tradição e com futuro Mais de 700 Engenheiros a trabalhar em todo o país Um curso acreditado pela Ordem dos Engenheiros Uma formação

Leia mais

Perguntas Mais Frequentes

Perguntas Mais Frequentes Perguntas Mais Frequentes P: Qual a média de ingresso nas Licenciaturas ministradas no ISA? R: As médias de ingresso no ano lectivo 2010/2011 foram: Licenciatura 1ª Fase 2ª Fase Arquitectura Paisagista

Leia mais

DESPACHO SP/61/2015 CONCURSO ESPECIAL DE ACESSO E INGRESSO PARA ESTUDANTES INTERNACIONAIS, DO INSTITUTO POLITÉCNICO DE COIMBRA

DESPACHO SP/61/2015 CONCURSO ESPECIAL DE ACESSO E INGRESSO PARA ESTUDANTES INTERNACIONAIS, DO INSTITUTO POLITÉCNICO DE COIMBRA DESPACHO SP/61/2015 CONCURSO ESPECIAL DE ACESSO E INGRESSO PARA ESTUDANTES INTERNACIONAIS, DO INSTITUTO POLITÉCNICO DE COIMBRA Face à necessidade de ajustar o regime do Estudante Internacional do Instituto

Leia mais

ANEXO I QUADRO DAS ÁREAS DE ESTUDO. Lotação 01 MARACANAÚ 01 MARACANAÚ 01 MARACANAÚ 01 MARACANAÚ 01 MARACANAÚ 01 MARACANAÚ

ANEXO I QUADRO DAS ÁREAS DE ESTUDO. Lotação 01 MARACANAÚ 01 MARACANAÚ 01 MARACANAÚ 01 MARACANAÚ 01 MARACANAÚ 01 MARACANAÚ Código/Área de Estudo. Desenho Técnico, Desenho Assistido por Computador (CAD), Informática 02. Materiais para Construção Mecânica, Corrosão e Tribologia 03. Termodinâmica, Refrigeração, Transferência

Leia mais

Áreas e Sub-Áreas de Formação CIME

Áreas e Sub-Áreas de Formação CIME de Formação CIME e Sub- de Formação CIME Sub- 09. Desenvolvimento Pessoal 090. Desenvolvimento Pessoal 14.Formação de Professores/Formadores e Ciências da Educação 141.Formação de Professores e Formadores

Leia mais

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR - GUIAS PROVAS DE INGRESSO ALTERAÇÕES PARA 2014, 2015, 2016 PÚBLICO PRIVADO COMISSÃO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR - GUIAS PROVAS DE INGRESSO ALTERAÇÕES PARA 2014, 2015, 2016 PÚBLICO PRIVADO COMISSÃO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR ACESSO AO ENSINO SUPERIOR - GUIAS PROVAS DE INGRESSO ALTERAÇÕES PARA 2014, 2015, 2016 PÚBLICO PRIVADO COMISSÃO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR DIREÇÃO-GERAL DO ENSINO SUPERIOR Direção de Serviços

Leia mais

AVEIRO. vagas colocados Engenharia Geográfica L1 30 7 ALGARVE. Engenharia Geológica L1 20 8 Física L1 22 8 Finanças (regime pós-laboral) L1 20 6 UBI

AVEIRO. vagas colocados Engenharia Geográfica L1 30 7 ALGARVE. Engenharia Geológica L1 20 8 Física L1 22 8 Finanças (regime pós-laboral) L1 20 6 UBI AÇORES Ciências da Engenharia Civil L1 20 1 Património Cultural L1 20 6 Ciências Agrárias L1 10 10 Informática - Redes e Multimédia L1 25 8 Engenharia e Gestão do Ambiente L1 20 0 ALGARVE Engenharia Civil

Leia mais

CANDIDATURA AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO 2012

CANDIDATURA AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO 2012 ACESSO AO ENSINO SUPERIOR GUIAS DO ENSINO SUPERIOR CANDIDATURA AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO 2012 SUPLEMENTO N.º 1 REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES CURSOS CONGÉNERES DIREÇÃO-GERAL DO ENSINO SUPERIOR JULHO DE 2012

Leia mais

Instituto Superior de Ciências da Saúde - Norte

Instituto Superior de Ciências da Saúde - Norte Regulamento do concurso de acesso aos cursos ministrados pelos estabelecimentos de ensino da Cooperativa de Ensino Superior, Politécnico e Universitário, CRL. C.E.S.P.U. Instituto Superior de Ciências

Leia mais

AVISO AOS ESTUDANTES, CANDIDATOS A PROSSECUÇÃO DE CURSOS DE LICENCIATURA OU DE

AVISO AOS ESTUDANTES, CANDIDATOS A PROSSECUÇÃO DE CURSOS DE LICENCIATURA OU DE UNIDADE DISCIPLINA TRABALHO República Democrática de S. Tomé e Príncipe EMBAIXADA PORTUGAL AVISO AOS ESTUDANTES, CANDIDATOS A PROSSECUÇÃO DE CURSOS DE LICENCIATURA OU DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA NO ENSINO

Leia mais

MINISTÉRIO DAS FINANÇAS E DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

MINISTÉRIO DAS FINANÇAS E DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA 906-() Diário da República,.ª série N.º 56 de Março de 00 MINISTÉRIO DAS FINANÇAS E DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA Portaria n.º 7-A/00 de de Março O Decreto -Lei n.º 8/00, de 9 de Março, prevê, no seu artigo

Leia mais

a) Estar ou ter estado inscrito num curso superior, diferente de um a

a) Estar ou ter estado inscrito num curso superior, diferente de um a MUDANÇA DE CURSO 1º CICLO D I R E I T O 2014/2015 PORTARIA N.º 401/2007, DE 5 DE ABRIL, ALTERADA PELA PORTARIA N.º 232-A/2013, DE 22 DE JULHO, E REGULAMENTO DOS REGIMES DE REINGRESSO, MUDANÇA DE CURSO

Leia mais

CANDIDATURA AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO 2011 SUPLEMENTO N.º 1 REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES ACESSO AO ENSINO SUPERIOR GUIAS DO ENSINO SUPERIOR

CANDIDATURA AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO 2011 SUPLEMENTO N.º 1 REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES ACESSO AO ENSINO SUPERIOR GUIAS DO ENSINO SUPERIOR ACESSO AO ENSINO SUPERIOR GUIAS DO ENSINO SUPERIOR CANDIDATURA AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO 2011 SUPLEMENTO N.º 1 REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES CURSOS CONGÉNERES DIRECÇÃO GERAL DO ENSINO SUPERIOR JULHO DE 2011

Leia mais

PLANOS CURRICULARES CURSOS PROFISSIONAIS. Curso Técnico de Produção Agrária Variantes de produção animal, produção vegetal

PLANOS CURRICULARES CURSOS PROFISSIONAIS. Curso Técnico de Produção Agrária Variantes de produção animal, produção vegetal PLANOS CURRICULARES CURSOS PROFISSIONAIS Curso Técnico de Produção Agrária Variantes de produção animal, produção vegetal Matemática 200 Biologia 150 Química 150 Mecanização Agrícola 250 Economia e Gestão

Leia mais

REGULAMENTO DOS REGIMES DE MUDANÇA DE CURSO, TRANSFERÊNCIA E REINGRESSO E DOS CONCURSOS ESPECIAIS DO INSTITUTO POLITÉCNICO DE VIANA DO CASTELO (IPVC)

REGULAMENTO DOS REGIMES DE MUDANÇA DE CURSO, TRANSFERÊNCIA E REINGRESSO E DOS CONCURSOS ESPECIAIS DO INSTITUTO POLITÉCNICO DE VIANA DO CASTELO (IPVC) REGULAMENTO DOS REGIMES DE MUDANÇA DE CURSO, TRANSFERÊNCIA E REINGRESSO E DOS CONCURSOS ESPECIAIS DO INSTITUTO POLITÉCNICO DE VIANA DO CASTELO (IPVC) Nos termos do disposto nos artigos 12º e 15º do Decreto-Lei

Leia mais

N. de Horas. 1 Agricultura Biológica Agricultura Biológica 144 Média Duração Formação Sem Legislação de Suporte

N. de Horas. 1 Agricultura Biológica Agricultura Biológica 144 Média Duração Formação Sem Legislação de Suporte Anexo II - Técnicos. Correspondência dos Cursos realizados no Entre Douro e Minho, entre 94 e 03, por área temática, tema do curso, duração, 1 Agricultura Biológica Agricultura Biológica 144 Média Duração

Leia mais

REGULAMENTO ESTUDANTE INTERNACIONAL

REGULAMENTO ESTUDANTE INTERNACIONAL REGULAMENTO DO ESTUDANTE INTERNACIONAL REGULAMENTO DO ESTUDANTE INTERNACIONAL Considerando o Estatuto do Estudante Internacional, aprovado pelo Decreto -Lei n.º 36/2014, de 10 de março, é aprovado o presente

Leia mais

Candidatura ao Ensino Superior

Candidatura ao Ensino Superior Candidatura ao Ensino Superior Para concluir o ensino secundário, os alunos têm que obter aprovação a todas as disciplinas do plano de estudos do respectivo curso. Nas disciplinas não sujeitas à realização

Leia mais

Regulamento Geral dos Cursos de 1.º Ciclo de Estudos, conducentes ao grau de

Regulamento Geral dos Cursos de 1.º Ciclo de Estudos, conducentes ao grau de 3 APROVADO POR: Conselho Técnico Científico 26 09 2011 Data: / / 26 09 2011 Regulamento Geral dos Cursos de 1.º Ciclo de Estudos, conducentes ao grau de licenciado na ESEP INTRODUÇÃO Os Decretos Lei n.º

Leia mais

MINISTÉRIO DAS FINANÇAS

MINISTÉRIO DAS FINANÇAS 4696 Diário da República, 1.ª série N.º 151 7 de agosto de 2013 MINISTÉRIO DAS FINANÇAS Portaria n.º 252/2013 de 7 de agosto A 2.ª edição do Programa de Estágios Profissionais na Administração Pública

Leia mais

EDITAL Nº 13/2012-PROGRAD

EDITAL Nº 13/2012-PROGRAD 1 EDITAL Nº 13/2012-PROGRAD PUBLICAÇÃO DA RELAÇAO DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO CONSIDERADOS COMO CURSOS AFINS DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UNIOESTE - PROVOU. A Pró-reitora de Graduação da Universidade Estadual

Leia mais

MESTRADO EM ENFERMAGEM VETERINÁRIA DE ANIMAIS DE COMPANHIA

MESTRADO EM ENFERMAGEM VETERINÁRIA DE ANIMAIS DE COMPANHIA Escola Superior Agrária Instituto Politécnico de Viseu MESTRADO EM ENFERMAGEM VETERINÁRIA DE ANIMAIS DE COMPANHIA EDITAL ANO LECTIVO: 2011/2013 1ª Edição 1. NOTA INTRODUTÓRIA O Mestrado em Enfermagem Veterinária

Leia mais

Professor Doutor Pedro Raposo de Almeida (DBUE), pmra@uevora.pt. Professora Doutora Maria Teresa Ferreira (ISA), terferreira@isa.utl.

Professor Doutor Pedro Raposo de Almeida (DBUE), pmra@uevora.pt. Professora Doutora Maria Teresa Ferreira (ISA), terferreira@isa.utl. EDITAL 1. TORNA-SE PÚBLICO A ABERTURA DA EDIÇÃO Nº 1 A INICIAR NO ANO LECTIVO 2007/2008 DO MESTRADO EM GESTÃO E CONSERVAÇÃO DE RECURSOS NATURAIS REGISTADO NA DGES COM O Nº R/B-CR100/2007. 2. O CURSO É

Leia mais

EDITAL MESTRADO EM PROCESSOS QUÍMICOS E BIOLÓGICOS. (edição 2010-2012)

EDITAL MESTRADO EM PROCESSOS QUÍMICOS E BIOLÓGICOS. (edição 2010-2012) EDITAL MESTRADO EM PROCESSOS QUÍMICOS E BIOLÓGICOS (edição 2010-2012) Nos termos do Decreto-Lei nº 42/2005, de 22 de Fevereiro, do Decreto-Lei nº 74/2006, de 24 de Março, com as alterações introduzidas

Leia mais

REGULAMENTO DOS REGIMES DE MUDANÇA DE CURSO, TRANSFERÊNCIA E REINGRESSO

REGULAMENTO DOS REGIMES DE MUDANÇA DE CURSO, TRANSFERÊNCIA E REINGRESSO INSTITUTO POLITÉCNICO DE COIMBRA Ao abrigo do disposto no artigo 10º da Portaria n.º 401/2007, de 5 de Abril, aprovo o novo Regulamento do Regime de Mudança de Curso, Transferência e Reingresso do Instituto

Leia mais

Instituto Politécnico de Portalegre Escola Superior de Saúde de Portalegre

Instituto Politécnico de Portalegre Escola Superior de Saúde de Portalegre Instituto Politécnico de Portalegre Escola Superior de Saúde de Portalegre Edital Cursos de Mestrado em Enfermagem (Despachos n.º 23087/2009, n.º 23089/2009, n.º 23088/2009 20 de Outubro de 2009). 1 Por

Leia mais

Diário da República, 2.ª série N.º 89 7 de Maio de 2010

Diário da República, 2.ª série N.º 89 7 de Maio de 2010 Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril Diário da República, 2.ª série N.º 89 7 de Maio de 2010 Regulamento n.º 416/2010 Regulamento das provas especialmente adequadas destinadas a avaliar a

Leia mais

IVCURSOS DO ENSINO PROFISSIONAL - Nível III

IVCURSOS DO ENSINO PROFISSIONAL - Nível III APRESENTAÇÃO O Ensino Profissional é uma modalidade especial de educação que visa, essencialmente, o desenvolvimento da formação profissional qualificante dos jovens. Dado o facto de dedicarem grande parte

Leia mais

OUTROS REGIMES 2015/2016 MUDANÇA DE PAR INSTITUIÇÃO/CURSO

OUTROS REGIMES 2015/2016 MUDANÇA DE PAR INSTITUIÇÃO/CURSO MUDANÇA DE PAR INSTITUIÇÃO/CURSO Ato pelo qual um estudante se matricula e ou inscreve em par instituição/ curso diferente daquele(s) em que, em anos letivos anteriores, realizou uma inscrição. A mudança

Leia mais

SERVIÇOS ACADÉMICOS REGULAMENTO DE MATRÍCULAS E INSCRIÇÕES ARTIGO 1º ÂMBITO ARTIGO 2º DEFINIÇÕES

SERVIÇOS ACADÉMICOS REGULAMENTO DE MATRÍCULAS E INSCRIÇÕES ARTIGO 1º ÂMBITO ARTIGO 2º DEFINIÇÕES SERVIÇOS ACADÉMICOS REGULAMENTO DE MATRÍCULAS E INSCRIÇÕES ARTIGO 1º ÂMBITO 1. O presente regulamento fixa as normas gerais relativas a matrículas e inscrições nos diferentes cursos das Escolas integradas

Leia mais

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR Índice Nota Introdutória... 01 Quem Pode Apresentar a Candidatura?... 02 Quem Pode Candidatar-se?... 02 Quem Pode Candidatar-se à 1ª Fase?... 02 Quem Pode Candidatar-se à 2ª Fase?... 03 Quem Pode Candidatar-se

Leia mais

UNIVERSIDADE ZAMBEZE DIRECÇÃO DE RECURSOS HUMANOS ANÚNCIO DE VAGAS

UNIVERSIDADE ZAMBEZE DIRECÇÃO DE RECURSOS HUMANOS ANÚNCIO DE VAGAS UNIVERSIDADE ZAMBEZE DIRECÇÃO DE RECURSOS HUMANOS ANÚNCIO DE VAGAS A Universidade Zambeze torna público que, por Despacho do Magnifico Reitor datado de 27 de Novembro de 2014, com o fulcro no artigo 31

Leia mais

Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Viseu. Instituto Politécnico de Viseu. MESTRADO EM Engenharia Electrotécnica Energia e Automação Industrial

Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Viseu. Instituto Politécnico de Viseu. MESTRADO EM Engenharia Electrotécnica Energia e Automação Industrial Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Viseu Instituto Politécnico de Viseu MESTRADO EM Engenharia Electrotécnica Energia e Automação Industrial EDITAL Edição 2010/2012 1. DESTINATÁRIOS Podem candidatar-se

Leia mais

CET. Organização Industrial. Curso de Especialização Tecnológica. Área de Formação. Perfil Profissional. Local de Realização do CET

CET. Organização Industrial. Curso de Especialização Tecnológica. Área de Formação. Perfil Profissional. Local de Realização do CET CET Curso de Especialização Tecnológica Organização Industrial Área de Formação Ciências Informáticas IPCA Perfil Profissional Técnico de Gestão Industrial Local de Realização do CET Campus IPCA Legislação

Leia mais

ESCOLA NÁUTICA INFANTE D. HENRIQUE Paço de Arcos EDITAL CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA EM EXPLORAÇÃO DO TRANSPORTE RODOVIÁRIO DE MERCADORIAS

ESCOLA NÁUTICA INFANTE D. HENRIQUE Paço de Arcos EDITAL CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA EM EXPLORAÇÃO DO TRANSPORTE RODOVIÁRIO DE MERCADORIAS ESCOLA NÁUTICA INFANTE D. HENRIQUE Paço de Arcos EDITAL EM EXPLORAÇÃO DO TRANSPORTE RODOVIÁRIO DE MERCADORIAS ANO LECTIVO 2008/2009 O Presidente do Conselho Directivo da Escola Náutica Infante D. Henrique,

Leia mais

S. R. MINISTÉRIO DA CIÊNCIA, TECNOLOGIA E ENSINO SUPERIOR GABINETE DO MINISTRO NOTA

S. R. MINISTÉRIO DA CIÊNCIA, TECNOLOGIA E ENSINO SUPERIOR GABINETE DO MINISTRO NOTA NOTA 1. Tem início no próximo dia 17, 2.ª feira, a apresentação da candidatura à 1.ª fase do concurso nacional de acesso ao ensino superior público. 2. No ano lectivo de 2006-2007, os estabelecimentos

Leia mais

EDITAL PARA PREENCHIMENTO DE VAGAS EM CURSOS DE GRADUAÇÃO

EDITAL PARA PREENCHIMENTO DE VAGAS EM CURSOS DE GRADUAÇÃO EDITAL PARA PREENCHIMENTO DE VAGAS EM CURSOS DE GRADUAÇÃO 1. Abertura A Pró-Reitora de Graduação da Universidade de Caxias do Sul, no uso de suas atribuições, torna públicas as condições que regem o encaminhamento

Leia mais

REGULAMENTO DOS REGIMES DE REINGRESSO, MUDANÇA DE CURSO, TRANSFERÊNCIA E CONCURSOS ESPECIAIS DE INGRESSO NOS CURSOS MINISTRADOS NO IPAM AVEIRO

REGULAMENTO DOS REGIMES DE REINGRESSO, MUDANÇA DE CURSO, TRANSFERÊNCIA E CONCURSOS ESPECIAIS DE INGRESSO NOS CURSOS MINISTRADOS NO IPAM AVEIRO REGULAMENTO DOS REGIMES DE REINGRESSO, MUDANÇA DE CURSO, TRANSFERÊNCIA E CONCURSOS ESPECIAIS DE INGRESSO NOS CURSOS MINISTRADOS NO IPAM AVEIRO O Decreto-Lei nº 196/2006, de 10 de Outubro, criou as condições

Leia mais

ANET-ASSOCIAÇÃO NACIONAL DOS ENGENHEIROS TÉCNICOS

ANET-ASSOCIAÇÃO NACIONAL DOS ENGENHEIROS TÉCNICOS ANET-ASSOCIAÇÃO NACIONAL DOS ENGENHEIROS TÉCNICOS GRUPO 1 CURSOS REGISTADOS E ANALISADOS PELA ANET, CONSIDERADOS HABILITANTES PARA A REALIZAÇÃO DE TODOS OS ACTOS DA ESPECIALIDADE CURSOS REGISTADOS -GRUPO

Leia mais

04 - MATEMÁTICA E CIÊNCIAS DA NATUREZA

04 - MATEMÁTICA E CIÊNCIAS DA NATUREZA 04 - MATEMÁTICA E CIÊNCIAS DA NATUREZA Curso / Habilitação Grau Condições especiais Engenharia Agronómica ramo: Hortofruticultura Da Universidade do Algarve Engenharia Civil Da Universidade Fernando Pessoa

Leia mais

REGULAMENTO DOS REGIMES DE MUDANÇA DE CURSO, TRANSFERÊNCIA E REINGRESSO

REGULAMENTO DOS REGIMES DE MUDANÇA DE CURSO, TRANSFERÊNCIA E REINGRESSO REGULAMENTO DOS REGIMES DE MUDANÇA DE CURSO, TRANSFERÊNCIA E REINGRESSO (Aprovado em reunião do Conselho Científico de 25 de maio de 2007) (Alterado em reunião do Conselho Técnico-Científico de 30 de abril

Leia mais

Considerando o disposto no Decreto-Lei n.º 88/2006, de 23 de maio, que regula os cursos de especialização tecnológica.

Considerando o disposto no Decreto-Lei n.º 88/2006, de 23 de maio, que regula os cursos de especialização tecnológica. Regulamento do Concurso Especial de Acesso aos Cursos da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa para Titulares de Cursos Médios, Superiores e Pós- Secundários Tendo por base

Leia mais

Serviço de Psicologia e Orientação (SPO) Psicóloga Maria João Caria

Serviço de Psicologia e Orientação (SPO) Psicóloga Maria João Caria Serviço de Psicologia e Orientação (SPO) Psicóloga Maria João Caria Alunos 12º anos; Fevereiro de 2011 Para concluir um curso do ensino secundário os alunos, têm de obter aprovação em todas as disciplinas!

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CIÊNCIA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CIÊNCIA 3874 Diário da República, 1.ª série N.º 135 16 de julho de 2014 Artigo 13.º Unidades orgânicas flexíveis 1 O número máximo de unidades orgânicas flexíveis da SG é fixado em 16. 2 As unidades orgânicas

Leia mais

CONCURSO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO DE 2014: 1.ª FASE

CONCURSO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO DE 2014: 1.ª FASE da Nome da Nome Grau 0110 8031 Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo Ciências Farmacêuticas (Preparatórios) PM 15 10 134,0 5 0110 8085 Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo Ciências da Nutrição

Leia mais

Áreas de Educação e Formação e Saídas Profissionais Prioritárias, de Nível 4, para constituição da oferta de Nível 5

Áreas de Educação e Formação e Saídas Profissionais Prioritárias, de Nível 4, para constituição da oferta de Nível 5 Áreas de Educação e Formação e Saídas Profissionais Prioritárias, de Nível 4, para constituição da oferta de Nível 5 Conselho Setorial para a Nacional de Saída - Catálogo Nacional de Curso Saída - Curso

Leia mais