Simulado. Pré-Vestibular INSTRUÇÕES

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Simulado. Pré-Vestibular INSTRUÇÕES"

Transcrição

1 y Simulado 9 a = g x tudo - super - hiper Pré-Vestibular INSRUÇÕES. Este caderno contém questões, dos seguintes componentes curriculares: Biologia, Física, eografia, História, Inglês, Língua Portuguesa, Matemática e Química.. odas as questões deste caderno têm 5 alternativas e somente uma deverá ser assinalada como resposta.. Leia atentamente cada questão e elabore a resolução neste caderno. 4. Preencha a folha de respostas utilizando caneta preta ou azul. questão que apresentar rasuras será anulada. 5. o terminar, entregue a folha de respostas e fique com este caderno. olégio: Nome: Número: urma: BO PROV!

2 Biologia. O DH é um hormônio produzido no(a) (I) e liberado pelo(a) (II) e que age (III) a reabsorção de água pelo (IV). Os termos que melhor substituem os itens I, II, III e IV são: a) Neuro-hipófise hipotálamo aumentando rim b) Duodeno duodeno aumentando intestino grosso c) Hipotálamo neuro-hipófise aumentando rim d) deno-hipófise hipotálamo diminuindo rim e) Hipotálamo neuro-hipófise diminuindo rim exto para as questões e. No filme O óleo de Lorenzo, um garoto começa a ter problemas com a desmielinização de suas fibras nervosas, que o leva a perder uma série de movimentos e capacidades físicas. de parênquima. nalise-a. Parênquima aquífero Parênquima clorofílico. bainha de mielina é estruturada a partir do enrolar: a) de uma célula ou de um prolongamento celular que apresente conteúdo lipídico em torno do axônio de fibras nervosas. b) de uma célula ou de um prolongamento celular que apresente conteúdo lipídico em torno do axônio e do dendrito de algumas fibras nervosas. c) de uma célula ou de um prolongamento celular que apresente conteúdo protéico em torno do axônio de todas as fibras nervosas. d) de uma célula ou de um prolongamento celular que apresente conteúdo lipídico em torno do axônio ou do dendrito de todas as fibras nervosas. e) de uma célula ou de um prolongamento celular que apresente conteúdo hídrico em torno do axônio ou do dendrito de algumas fibras nervosas.. s características da fibra mielínica permitem: a) a redução da velocidade do impulso de forma a adequá-lo à intensidade da resposta apresentada. b) o ajuste das diversas velocidades de impulsos nervosos para a adequação às diversas respostas diferentes exigidas. c) a diminuição da velocidade do impulso nervoso em situações de relaxamento. d) o aumento da velocidade do impulso nervoso pelo neurônio, viabilizando grande parte das respostas exigidas. e) a manutenção da estabilidade da membrana do neurônio, impedindo sua despolarização. 4. No estoque de um banco de sangue são encontrados cinco litros de sangue tipo, três litros de sangue tipo B, dez litros de sangue tipo O e quatro litros de sangue tipo B. pós um acidente em uma localidade fora da cidade, onde a remoção dos feridos é impossível no momento, foi sugerida a aplicação de reposição de sangue para três acidentados, um apresentando sangue B e dois apresentando sangue tipo, sendo todos Rh +. Qual seria o máximo de litros que esse banco de sangue poderia disponibilizar para o atendimento desses acidentados? a) 8 litros. d) 4 litros. b) 8 litros. e) litros. c) litros. 5. (Unimontes-M, adaptada) Os tecidos parenquimáticos ou parênquimas são responsáveis por diferentes funções nos vegetais. sua ocorrência e distribuição sofrem influência do ambiente em que o vegetal se encontra. figura a seguir representa dois tipos onsiderando a figura e o assunto abordado, analise as afirmativas que seguem e assinale a alternativa incorreta. a) Um dos parênquimas representados é rico em leucoplastos. b) O parênquima aqüífero é muito encontrado em plantas xerófitas. c) O parênquima clorofílico distribui-se principalmente nas regiões das folhas e caules jovens. d) Os tecidos parenquimáticos preenchem todos os espaços deixados pelos demais tecidos. e) Um dos tecidos do esquema apresenta fotossistemas. 6. (UFL) rocas gasosas entre as folhas e o meio ambiente, eliminação de água na forma líquida (gutação) e trocas gasosas nos caules são fenômenos que ocorrem em diferentes vegetais. Eles são possibilitados pela presença de, respectivamente: a) estômatos, hidatódios e traqueídes. b) tricomas, lenticelas e hidatódios. c) estômatos, hidatódios e lenticelas. d) lenticelas, traqueídes e acúleos. e) vasos crivados, hidatódios e traqueídes. 7. Leia com atenção o texto a seguir. O ecstasy é uma das drogas ilegais mais utilizadas atualmente; conhecida como a pílula do amor, possui uma substância chamada MDM (metilenodioximetanfetamina), que atua sobre três neurotransmissores: a serotonina, a dopamina e a noradrenalina. O mais atingido é a serotonina, que controla as emoções e também regula o domínio sensorial, o domínio motor e a capacidade associativa do cérebro. O MDM provoca uma descarga de serotonina nas células nervosas do cérebro para produzir os efeitos de leveza e bem-estar; porém a serotonina também é reguladora da temperatura do corpo, podendo causar hipertermia ou superaquecimento do organismo, sendo esta a principal causa de morte dos usuários. daptado de Superinteressante, set.. Em relação aos neurotransmissores, analise as afirmativas a seguir. I. Os neurotransmissores são transportados pelos neurônios e liberados na fenda sináptica, onde dão origem ao impulso nervoso da célula. II. Nos neurônios, o impulso nervoso tem sentido unidirecional e invariável dendrito > corpo celular > axônio, não ocorrendo em sentido contrário. III. Os neurotransmissores são transportados pela corrente sanguínea e atuam em órgãos específicos, denominados órgãos-alvo.

3 Marque a opção que julgar verdadeira. a) I está correta. d) I e II estão corretas. b) I e III estão corretas. e) I, II e III estão corretas. c) III está correta. 8. (UFPB) O tecido muscular é caracterizado por apresentar células altamente contráteis. Nos vertebrados, há três tipos de tecido muscular: estriado esquelético, estriado cardíaco e liso. Embora, basicamente, todos apresentem o mesmo mecanismo contrátil, existem diferenças importantes que os adaptam às suas funções particulares. Sobre esses três tipos de tecido muscular, são feitas as seguintes afirmativas: I. s células do tecido muscular estriado cardíaco apresentam ramificações e estão unidas entre si por estruturas típicas e especializadas da membrana citoplasmática: os discos intercalares. II. s células do tecido muscular liso, típicas dos órgãos viscerais, são geralmente uninucleadas e fusiformes. Pela ausência dos filamentos de actina e miosina em seu citoplasma, não apresentam as estriações características das células musculares estriadas cardíacas e estriadas esqueléticas. III. s células do tecido muscular estriado esquelético, também denominadas fibras musculares, caracterizam-se por serem alongadas e possuírem muitos núcleos, uma vez que derivam da fusão de diversas células durante a fase embrionária. Está(ão) correta(s): a) penas II e III. d) penas I. b) penas I e II. e) I, II e III c) penas I e III. figura a seguir serve de suporte para as questões 9 e e mostra a parede de um túbulo seminífero humano, em corte transversal. Nela, estão representadas as diversas fases de formação dos espermatozóides (espermatogênese). Membrana basal do túbulo seminífero Espermatogônia (n) Espermatócito primário Espermatócito secundário Espermátides Espermátides diferenciando-se correto afirmar que o número cromossômico é: a) nos espermatócitos primários. b) 46 nos espermatócitos primários, e nos espermatócitos secundários. c) 46 nos espermatócitos primários e secundários, e nas espermátides. d) nos espermatócitos primários e secundários. e) nos espermatócitos secundários, e 46 nas espermátides.. (UFPB) No processo de espermatogênese, cada espermátide passa por intensa diferenciação e origina o espermatozóide (destacado na figura). Sobre as estruturas desse tipo celular, pode-se afirmar: I. O acrossomo formou-se a partir da fusão de cisternas repletas de enzimas digestivas pertencentes ao complexo golgiense das espermátides. II. O núcleo e as mitocôndrias são transmitidos ao zigoto, durante o processo de fecundação. III. O flagelo tem a mesma organização interna dos cílios e é responsável pela locomoção dos espermatozóides. Está(ão) correta(s): a) penas III. d) penas I e III. b) penas II e III. e) I, II e III c) penas I e II.. (UFPB) Um estudante observou uma lâmina contendo células de moscas de fruta (drosófilas), cujo número diplóide de cromossomos é n = 8. Sobre quatro dessas células,, B, e D, em processo de divisão celular, esse estudante fez as seguintes observações: célula apresenta quiasmas ao longo dos cromossomos pareados. célula B apresenta quatro bivalentes (tétrades). célula apresenta quatro cromossomos dispostos individualmente na placa equatorial (metafásica). célula D apresenta quatro pares de cromossomos unidos entre si, dispostos na placa equatorial (metafásica). De acordo com as observações feitas pelo estudante, é correto afirmar que a(s) célula(s): a) D é diplóide e está na metáfase da segunda divisão meiótica. b) é haplóide e está na metáfase mitótica. c) e B são diplóides e estão na prófase da primeira divisão meiótica. d) e B são haplóides e estão na prófase da primeira divisão meiótica. e) e B são diplóides e estão na prófase mitótica.. (U. F. Uberlândia-M, adaptada) ilustração a seguir representa dois padrões de crescimento populacional. Núcleo entríolo Mitocôndrias abeça Peça Intermediária Explosão populacional Morte por falta de alimento população é mantida em equilíbrio pelos inimigos naturais Puluição f c g e Espermatozóide daptado de PURVES, W.K. et al. Vida: a ciência da biologia. 6 ed. Porto legre: rtmed, 5. v. III. p. 74. a b d urva em J urva em S 9. (UFPB) onsiderando os processos de proliferação, divisão e diferenciação celular ocorridos durante a espermatogênese, é erações daptado de SILV JÚNIOR,. e SSSON, S. Biologia. v.. São Paulo: Saraiva,. p. 57.

4 om relação às curvas de crescimento, analise as afirmativas a seguir: I. letra f representa uma curva exponencial ou potencial biótico. II. s letras d e e representam flutuações nos tamanhos populacionais em torno da carga biótica máxima do meio. III. letra g representa a carga biótica máxima do meio. ssinale a alternativa que representa somente afirmativa(s) correta(s). a) I e III. b) II e II. c) II e III. d) II. e) I, II e III. Física. (U. E. Maringá-PR) No diagrama a seguir, duas esferas carregadas positivamente, e B, de massas m e m B, estão localizadas a uma distância d uma da outra. d ssinale a alternativa cujo diagrama melhor representa a direção e o sentido da força gravitacional F g e da força eletrostática F e agindo sobre a esfera devido à massa e à carga da esfera B. a) F g b) F e F c) e F d) g F g e) F e F e F g 4. (Unifesp) Na figura está representado um lustre pendurado no teto de uma sala. Fg Fe B IV. força que o teto exerce no fio, aplicada no ponto em que o fio se prende ao teto. Dessas forças, quais configuram um par ação-reação, de acordo com a erceira Lei de Newton? a) I e II. b) II e III. c) III e IV. d) I e III. e) II e IV. 5. (UFPI) Na conta mensal de energia elétrica emitida pelas concessionárias de energia o valor por kwh normalmente vem descrito. quantidade de energia que um determinado consumidor utiliza depende de dois fatores básicos: a potência elétrica dos aparelhos e o tempo de funcionamento. Suponha que um consumidor possua uma geladeira simples, cuja potência seja de aproximadamente W, que funciona horas/dia (tempo em que o compressor fica ligado para manter o interior na temperatura desejada). Sabendo-se que a empresa concessionária cobra R$,5 por kwh, o valor (em reais) a ser pago ao final de dias, será de: a) 5 d) b) e) 4 c) 5 6. (Fuvest-SP) Um aquecedor elétrico é mergulhado em um recipiente com água a e, cinco minutos depois, a água começa a ferver a. Se o aquecedor não for desligado, toda a água irá evaporar e o aquecedor será danificado. onsiderando o momento em que a água começa a ferver, a evaporação de toda a água ocorrerá em um intervalo de aproximadamente alor específico da água =, cal/(g ). alor de vaporização da água = 54 cal/g. Desconsidere perdas de calor para o recipiente, para o ambiente e para o próprio aquecedor. a) 5 minutos. d) 5 minutos. b) minutos. e) minutos. c) minutos. 7. (UFM-M) Em um recipiente adiabático sob pressão de atm, uma fonte de calor com fluxo constante de cal/s aquece um bloco de gelo de massa 4 g que havia sido colocado no recipiente inicialmente a. Quando o processo de fusão inicia, são colocados mais 6 g de gelo fundente. adição de nova porção de gelo fará com que o tempo de obtenção de água líquida a demore um tempo total, em s, de: (Dados: c água =, cal/(g ); c gelo =,5 cal/(g ); L fusão = 8, cal/g) a) 8 d) 64 b) e) 8 c) 4 Nessa situação, considere as seguintes forças: I. O peso do lustre, exercido pela erra, aplicado no centro da gravidade do lustre. II. tração que sustenta o lustre, aplicada no ponto em que o lustre se prende ao fio. III. tração exercida pelo fio no teto da sala, aplicada no ponto em que o fio se prende ao teto (Uncisal) Em relação ao estudo do eletromagnetismo, afirma-se: I. região do espaço que sofre interferência devido à presença de um imã é chamada de campo magnético. II. s linhas de indução magnética são sempre perpendiculares a B. III. Uma partícula eletrizada em movimento de translação gera campo magnético. É correto o que se afirmar em: a) I apenas. d) II e III apenas. b) II apenas. e) I, II e III. c) I e III apenas.

5 9. (U. E. Londrina-PR) Num microscópio eletrônico de varredura (MEV), imagens são produzidas devido à incidência de um feixe (fino) de elétrons sobre a superfície a ser ampliada. Os elétrons são acelerados sob influência de campos elétricos ( Fe = q E ) e defletidos por campos magnéticos ( Fm = q v B ), podendo, portanto, varrer uma área da superfície sob análise muito maior do que o diâmetro do próprio feixe de elétrons. om base nas informações fornecidas e nos conhecimentos sobre eletricidade e magnetismo, assinale a alternativa correta. a) deflexão de um elétron por um campo magnético será maior quanto maior for a intensidade desse campo e quanto maior for a sua velocidade. b) O produto vetorial que aparece na equação da força magnética eb sejam perpendiculares entre si. implica que os vetores v c) Elétrons em repouso, imersos num campo magnético, aceleram obedecendo à a Lei de Newton. d) Um elétron com velocidade v, atravessando uma região do espaço onde exista um campo magnético B, será desviado se o ângulo formado entre estes vetores for zero. e) Se um elétron atravessar uma região do espaço onde se sobreponham campos elétrico e magnético, a força resultante sobre ele será nula se os vetores de campo possuírem mesma direção e sentido.. (Unioeste-PR) ssinale a alternativa incorreta: a) Quando ligado a uma tomada de V, um aparelho elétrico demanda uma corrente de,. energia elétrica consumida por este aparelho após, h de funcionamento é de, kwh. b) Um chuveiro elétrico foi calibrado para consumir uma potência de 5 W. Se a companhia fornecedora de energia elétrica cobrar R$,4 por kwh, um banho 5 minutos de duração custará, reais. c) diferença de potencial medida nos terminais de um gerador é de 8 V. Se os terminais forem colocados em curto-circuito, a corrente elétrica fornecida é de 6,. onclui-se, dessa forma, que a resistência interna do gerador é de, ohms. d) Se um gerador de resistência interna, ohms fornece uma corrente elétrica de 5,, a potência dissipada por ele é 75 W. e) Dois resistores, R er, foram associados em série e o conjunto foi conectado a uma bateria ideal de 4, V. Se R =, Ω e R = 6, Ω, a potência dissipada em cada um deles é P = 8, W e P = 54, W.. Duas escalas termométricas X e Y estão relacionadas pelo gráfico a seguir. Quando a escala x acusar X, a leitura na escala y será: y x. Num calorímetro colocamos. g de álcool a e certa massa de água a 4. Sendo de a temperatura final de equilíbrio térmico, o calor específico do álcool igual a,6 cal/g., calcular a massa inicial de água em gramas: a) 6 b) 5 c) 4 d) e). Um prego de ferro B, inicialmente não imantado, é aproximado do pólo sul de um imã permanente conforme mostra a figura. Ímã Prego N S B Nessa situação, forma-se um pólo e o ímã e o prego se. ssinale a alternativa que preenche de forma correta as duas lacunas respectivamente: a) sul em atraem b) sul em repelem c) sul em B repelem d) norte em atraem e) norte em B atraem 4. Um solenóide compreende espiras por metro. intensidade do vetor campo magnético originado na região central, devido à passagem de uma corrente de,5, é de: a) π 4 b) 4π 4 c) π 5 d) 4π 5 e) π 6 eografia 5. (Vunesp, adaptada) nalise o mapa a seguir. achoeira Dourada São Simão rês Marias Ilha Estreito Peixotos Solteira Promissão Furnas Jupiá apirava Ibitinga Barin Ibitinga Xavantes Barra Bonita rio r i o Paranapanema rio Paranaíba i e t ê Jurumin r i o DF SÃO PULO r a n d e rio São Francisco ubatão Salto rande BELO HORIZONE Mascarenhas amargos Nilo Peçanha RIO DE JNEIRO VIÓRI 8 a) 7,5 Y d) 7,5 Y b) 4 Y e) Y c) 4 Y 5 O mapa representa um tipo de intervenção antrópica na região Sudeste do Brasil, aproveitando um recurso natural. () intervenção identificável é o aproveitamento dos rios para navegação fluvial por meio de eclusas.

6 () O vale das frutas é a denominação do rio São Francisco relacionado à agricultura intensiva irrigada voltada para exportação e ao mercado interno. (4) região Sudeste apresenta o maior conjunto de terras baixas e condiciona o sistema de drenagem dos rios de conformidade com a declividade de suas vertentes. (8) Os vértices representados pelas regiões metropolitanas de São Paulo, Belo Horizonte e Rio de Janeiro formam o triângulo industrial brasileiro pela dinâmica de suas infra-estruturas e polarizações. (6) O processo de desmetropolização ou de desindustrialização do Sudeste, iniciada na década de 98, permite o crescimento das demais regiões sem, entretanto, reduzir a expansão das cidades da região. () região metropolitana de Vitória encontra-se em expansão por meio das atividades industriais e da intensa movimentação portuária. Dê a soma dos números dos itens corretos. a) d) 4 b) 6 e) 6 c) 6. (Fuvest-SP) Leia com atenção as afirmações a seguir. O crescimento populacional contemporâneo é responsável pela estagnação econômica do erceiro Mundo. Os altos investimentos demográficos desviam os escassos recursos de capital do investimento produtivo. O planejamento familiar visa a alterar as taxas de fertilidade sem precisar modificar as estruturas fundamentais da sociedade. Essas afirmações integram uma doutrina demográfica: a) terceiro-mundista. b) neomarxista. c) neomalthusiana. d) muçulmano-xiita. e) clerical-progressista. 7. (Mackenzie-SP) lixiviação, um dos fenômenos que podem diminuir a fertilidade dos solos, é: a) proveniente da exposição do solo às intempéries que determinam a perda de elementos nutritivos. fenômeno que ocorre nas zonas equatoriais e tropicais úmidas. b) o carreamento dos elementos nutrientes do solo pelas águas das chuvas e ocorre apenas em terrenos inclinados das zonas temperadas. c) um processo característico das regiões intertropicais com estações chuvosas e secas alternadas, o que acarreta a remoção somente da sílica e torna o solo impermeável. d) resultante da ação microbiana do solo nas zonas subtropicais florestadas. e) típica do hemisfério Norte. 8. (Unifor-E) Dentre as características da agricultura norteamericana, pode-se citar: a) o protecionismo estatal sob forma de subsídios aos agricultores. b) os elevados impostos federais pagos pelos produtores agrícolas. c) a grande participação do setor no Produto Nacional Bruto. d) a gradativa diminuição da produtividade agrícola devido ao esgotamento dos solos. e) o baixo preço das terras que ainda representam um custo abundante s oito propostas para mudar o mundo: I. Erradicar a extrema pobreza e a fome. II. tingir o ensino básico universal. III. Promover a igualdade de gênero e a autonomia das mulheres. IV. Reduzir a mortalidade infantil. V. Melhorar a saúde materna. VI. ombater o HIV/ids, a malária e outras doenças. VII. arantir a sustentabilidade ambiental. VIII. Estabelecer uma parceria mundial para o desenvolvimento. Esses itens estipulados referem-se: a) às propostas da Organização Mundial do omércio (OM) na Rodada de Doha. b) às propostas acolhidas na conferência que aprovou o Protocolo de Kyoto. c) às metas para o Desenvolvimento do Milênio, da Organização das Nações Unidas (ONU). d) às propostas dos países desenvolvidos para a África negra. e) à propostas da EO-Rio para o meio ambiente.. (U. E. Maringá-PR) ssinale o que for correto quanto aos problemas ambientais e/ou socioeconômicos responsáveis pelo comprometimento da qualidade de vida em muitas cidades brasileiras que cresceram sem planejamento adequado. () Ocupação desordenada do solo, evidente nas áreas invadidas pela população mais carente, tais como margens e várzeas de rios que atravessam os centros urbanos e áreas de morros com forte declividade, sujeitas a desmoronamentos. () Formação do fenômeno conhecido por ilha de calor, na periferia das zonas urbanizadas, criando-se ambientes semidesérticos, mesmo em zonas úmidas. (4) Presença de esgoto correndo em valas a céu aberto, em zonas deficientes em infra-estrutura de saneamento básico. (8) Ressurgimento, no ambiente urbano, de doenças como cólera, malária e outras infecções parasitárias que eram, originalmente, típicas das regiões atrasadas ou rurais. (6) Poluição sonora e poluição visual, que corresponde à conseqüência das atividades urbanas de serviços. () Poluição dos rios, dos córregos e também do lençol freático pelo lixo orgânico, quando a sua disposição final é feita de maneira incorreta, em lixões ou em aterros mal controlados. Dê a soma dos números dos itens corretos. a) d) 7 b) e) 6 c). (Unioeste-PR) respeito da moderna divisão internacional do trabalho, é incorreto afirmar que: a) alguns países subdesenvolvidos, além de exportadores tradicionais de matérias-primas para os países desenvolvidos, exportam também produtos manufaturados, tais como calçados, tecidos e até automóveis. b) empresas multinacionais instaladas nos países subdesenvolvidos remetem boa parte dos seus lucros aos países desenvolvidos. c) bens manufaturados exportados pelos países subdesenvolvidos, via de regra, têm preços mais baixos e menor valorização no mercado internacional. d) a transferência de tecnologias e a proibição de remessas de lucro para o exterior tornaram-se importantes mecanismos utilizados pelas empresas multinacionais instaladas na mérica Latina para desenvolver nosso parque industrial, após a década de 95.

7 e) empresas multinacionais têm-se utilizado da vasta mão-de-obra barata, das matérias-primas a baixo custo, dos incentivos fiscais e da freqüente inexistência de legislação ambiental nos países subdesenvolvidos.. (Mackenzie-SP, adaptada) ssinale a alternativa incorreta sobre a hina. a) É a economia que mais cresce na atualidade. b) om a abertura da economia nos moldes capitalistas de produção, aumentou a desigualdade social entre os novos-ricos das cidades e a maior parte da população, ainda rural, o que tem provocado o êxodo rural de milhões de pessoas. c) maior parte da população ainda não se beneficiou do crescimento econômico, vivendo em áreas rurais, embora as comunas populares, antigas unidades sociais de produção, tenham sido substituídas por unidades familiares privadas. d) abertura econômica não foi acompanhada da abertura política, pois o país continua com regime de partido político único e poder altamente centralizado. e) pesar de sua grande extensão territorial e da diversidade étnica, não há movimentos separatistas e, com as recentes anexações de antigas possessões européias, não reivindica soberania sobre nenhuma outra área.. (Fatec-SP) onsidere as seguintes afirmações: I. O fato de um país ser industrial não resulta de uma vocação natural, mas de um processo que envolve múltiplos interesses em determinadas circunstâncias históricas. II. Um dos grandes problemas da industrialização dos países subdesenvolvidos é que ela é sempre comandada pelo exterior, pelas grandes multinacionais sediadas no mundo desenvolvido. Sobre elas, deve-se dizer: a) I é correta e se aplica ao Brasil, mas II não é correta, porque o processo industrial brasileiro sempre foi autônomo. b) I e II são incorretas, porque sugerem uma dependência, já superada, dos países subdesenvolvidos em relação aos países ricos. c) ambas são corretas, mas não se aplicam à realidade brasileira. d) ambas são corretas, mas só se aplicam à realidade brasileira, sobretudo a partir da década de 99. e) ambas são corretas e podem ser aplicadas à realidade brasileira, sobretudo a partir da década de (Esan-SP) O estado do Rio rande do Norte é responsável por mais de 8% da produção brasileira. Macau, reia Branca, Mossoró e çu são os centros de maior produção. O texto está referindo-se à produção de: a) petróleo. d) carvão mineral. b) sal marinho. e) urânio. c) bauxita. 5. (PU/ampinas-SP) Um agricultor do Sul do Brasil, utilizando sempre a mesma área, plantou soja no primeiro ano e trigo no segundo. No terceiro ano, utilizou as terras como pastagem para o gado, voltando a plantar soja no ano seguinte. Pode-se afirmar que a técnica utilizada foi a de: a) rotação de terras. d) associação de culturas. b) rotação de culturas. e) jardinagem. c) agricultura itinerante. 6. estrutura fundiária é: a) o conjunto de métodos e técnicas utilizadas na produção agropecuária. 7 b) o conjunto de incentivos fiscais e financiamentos governamentais conforme os tipos de produtos cultivados. c) a distribuição dos estabelecimentos agropecuários por faixas de dimensões. d) resultante dos movimentos sociais rurais, que exercem pressões sobre as instituições e políticos brasileiros que favoreceram a reforma agrária. e) o reflexo do aumento das micro-pequenas propriedades em decorrência do aumento da população e, portanto, do mercado interno. História 7. (U. E. Maringá-PR) Sobre a história da récia antiga e sobre as contribuições da cultura grega para a chamada civilização Ocidental, assinale a alternativa correta. a) Uma das principais contribuições dos gregos antigos para a cultura Ocidental foi a religião monoteísta. b) Em muitas línguas modernas, o termo draconiano remete às idéias de severidade e rigor na elaboração e na aplicação de leis. O vocábulo deriva de Dracon, um político ateniense do século VII a.., que se celebrizou como legislador, registrando, por escrito, duras leis que, até então, baseavam-se na tradição oral. c) O adjetivo espartano é mais um indício da influência da récia antiga na cultura ocidental. Em uma de suas acepções, o vocábulo remete à idéia de uma vida desregrada, luxuosa, que valoriza o ócio e devota desprezo aos exercícios físicos e às artes marciais, em alusão ao estilo de vida licencioso dos habitantes de Esparta, um dos centros da cultura grega da ntigüidade. d) ristóteles (84- a..) é considerado um dos precursores da ideologia comunista por ter defendido, em seu livro República, a possibilidade de se organizar uma sociedade sem diferenças de classe. e) filosofia estóica, fundada por Zenão, sustentava que a felicidade humana consistia na busca e na obtenção do prazer. 8. (UFM, adaptada) Leia com atenção o seguinte texto. ongregando segmentos variados da população pobre ou dirigindo-se às áreas de mineração, onde se concentravam enormes contingentes de escravos, as vendeiras e negras de tabuleiro seriam constantemente acusadas de responsabilidade direta no desvio de jornais, contrabando de ouro e diamantes, prática de prostituição e ligação com os quilombos. FIUEIREDO, Luciano. O avesso da memória: cotidiano e trabalho da mulher em Minas erais no século XVIII. Rio de Janeiro: J. Olympio, 99. om base na leitura e análise desse trecho, é correto afirmar que a escravidão nas Minas erais se caracterizava por: a) um perfil rural e patriarcal, o que fazia com que as cativas e as forras ficassem reclusas, em casa, sob controle masculino. b) uma comunidade igualitária, o que se expressava na liberdade com que os negros circulavam pelas ruas. c) uma grande diversidade de formas de exploração do trabalho escravo, situação característica de um contexto mais urbano. d) uma relativa flexibilidade, o que se expressava no livre trânsito dos comerciantes entre as cidades e os quilombos. e) pouca diversidade nas atividades produtivas destinadas aos escravos, principalmente em relação às negras escravas. 9. (UFF-RJ, adaptada) nalise a obra que segue, para responder à questão.

8 MUSEU DO LOUVRE Vinci, Leonardo da. Mona Lisa, Museu do Louvre. O quadro de Leonardo da Vinci revela uma das facetas do grande artista do Renascimento, que, durante a vida, transformou sua experiência de mundo em arte, sempre pronto a inovar. Essa criatividade levou Leonardo da Vinci a ser conhecido como um homem que: a) transformou a arte da escultura ao expressar por meio dela a grandeza da vida espiritual. b) abdicou de sua riqueza para se dedicar à pintura de personagens da corte de Florença. c) se envolveu com a natureza, com a sociedade e com todos os ramos de artes, de modo tão intenso que passou a ser conhecido como um artista-cientista. d) se dedicou às artes e às ciências por meio da teoria do direito divino, aplicada nos seus exercícios de anatomia. e) participou de várias sociedades secretas que tinham por objetivo reescrever os textos bíblicos com o intuito de apresentar a verdadeira face de Jesus. 4. (Faplan-RS) defragração da Revolução Francesa estimulou a imaginação dos europeus. anto os participantes do movimento como seus observadores sentiram que estavam numa era crucial. Sobre as ruínas da velha ordem, baseada no privilégio e no despotismo, formava-se uma nova era que prometia realizar os ideais do iluminismo. ompõe o cenário em que se desenrolou a Revolução de 789: a) o cerceamento das terras públicas pelo Estado com a conseqüente expulsão dos camponeses para o trabalho na indústria. b) o esgotamento da capacidade de ação da monarquia francesa frente às transformações vividas pelo país, assim como diante dos anseios políticos burgueses. c) a defesa jacobina da manutenção dos monopólios coloniais com a importância do Estado monárquico francês em atendê-los. d) o apoio da monarquia francesa à Inglaterra por ocasião da guerra da independência americana, com o conseqüente desgaste interno do Estado. e) a morte na guilhotina do rei arlos I e de sua esposa, a rainha Maria ntonieta, depois de serem condenados por traição. Em relação ao processo que antecedeu a promulgação da lei de de maio de 888, assinale a alternativa incorreta. a) partir da década de 88, os abolicionistas ficaram divididos em duas grandes correntes: moderados e radicais, que faziam grandes pressões pela abolição da escravidão, chamando o grosso das atenções na época. b) afeicultores do vale do Paraíba, antigos aliados e políticos do Império, que contavam com a manutenção de sua escravaria, bandearam-se para os lados do republicanismo, ficando conhecidos na história como republicanos de última hora. c) O treze de maio de 888 apenas antecipou o inevitável, pois, de certa forma, a abolição já se realizava à revelia dos governantes, por iniciativas particulares e dos próprios escravos. d) Já em 884, o Partido Liberal, em grande parte, aderiu ao movimento abolicionista, mas, em 888, o tema era quase suprapartidário, com o apoio do Partido onservador. e) s fugas em massa de escravos, que afluíam para as cidades, e a própria incapacidade das autoridades de conter movimentos de tal monta fazem parte do processo que resultou na abolição dos escravos. 4. De 865 a 87, a mérica do Sul viveu um dos períodos mais marcantes de sua história, a uerra do Paraguai, que envolveu rgentina, Brasil, Paraguai e Uruguai. Segundo o historiador Júlio José hiavenatto, podemos denominar essa guerra de genocídio americano, pois, de ambos os lados, as baixas foram assustadoras. Entre os soldados da ríplice liança, 4 mil sucumbiram nos campos de batalha, e aproximadamente 7 mil morreram de cólera ou por febres tropicais. Pilcomaya Paraná Paraguai Verde oncepción San Pedro ssunção erritório paraguaio Villeta anexado pela rgentina Pilar Humaitá urupaiti orrientes RENIN Bela Vista Riachuelo orrientes Uruguai Quarai Ivinhema erritório paraguaio anexado pelo Brasil PRUI San Estanislão San Joaquín aacupú Paraguari Vila Rica Encarnación Itaqui Uruguaiana Livramento Salto Ibicuí Paraná S. Maria Ijuí Pardo erritório paraguaio anexado pela rgentina São Borja Piquiri Verde Iguaçu Jacuí amaquã Ivaí Pelotas ietê Paranapanema BRSIL Porto legre Lagoa dos Patos 4. (Udesc) onsidere o seguinte excerto para responder à questão. Paysandu Negro Jaguarão Jaguarão Lagoa Mirim Rio rande Na verdade, não havia mais como adiar o processo. Redigido de maneira simples, o texto da lei era curto e direto: É declarada extinta desde a data desta lei a escravidão no Brasil. Revogam-se as disposições em contrário. SHWRZ, Lilia Moritz. s barbas do Imperador: d. Pedro II, um monarca nos trópicos. São Paulo: ompanhia das Letras, 998. p Buenos ires URUUI olonia Montevidéu Invasão paraguaia ( ) Fonte: História do Brasil. Empresa Folha da Manhã e Jornal Zero Hora, 997.

9 De acordo com as informações presentes no mapa e com seu conhecimento histórico considere as seguintes proposições. I. uerra do Paraguai foi de, certa forma, uma tentativa dos países envolvidos de disputar a hegemonia e ampliar suas conquistas na região do Prata. II. Os conflitos na região do Prata eram antigos e remontam às disputas entre Portugal e Espanha devido aos limites meridionais de seus impérios coloniais. III. Durante o governo de Solano Lopez, no Paraguai, colocou-se em prática uma política que tinha como objetivo tirar o Paraguai do isolamento externo, buscando explorar a navegação fluvial pela bacia do Prata e pelo rio Paraná. IV. Na Batalha do Riachuelo, a marinha argentina destroçou o Brasil, dando início ao fortalecimento do Paraguai frente à ríplice liança. V. Durante a guerra, o território de Mato rosso ainda não possuía comunicação por terra com o restante do Brasil e foi tomado pelo Paraguai em 867. Estão corretas: a) somente a I e II. b) Somente a II e III. c) Somente a IV está errada. d) Somente a IV e V. e) odas estão corretas. 4. (UFM) Para Euclides da unha, autor do clássico Os sertões, anudos, a róia de aipa, teve como raízes as grandes concessões de sesmarias, definidoras da feição mais durável do nosso feudalismo tacanho [ ] dilatados latifúndios [ ] avassalando a terra. Sobre anudos, analise as seguintes afirmativas. I. anudos gerou um adensamento populacional numa região predominantemente rural, incomodou os fazendeiros locais que tinham sua oferta e mão-de-obra diminuída e seu poder político ameaçado. II. referência a róia, tal como verificado no texto clássico de Euclides da unha, deve-se ao fato de ntonio onselheiro, tal como Páris, o herói grego, ter resistido bravamente às incursões dos fazendeiros locais, na tentativa de retomar a posse das terras ocupadas pelos sertanejos. III. O conflito denominado uerra de anudos pode ser caracterizado como uma questão de posse da terra. ntonio onselheiro, herdeiro de uma grande concessão de terras no interior da Bahia, desenvolveu um projeto de ocupação original e provocou a ira de seus adversários políticos. IV. melhor compreensão do episódio da uerra de anudos implica considerar a estrutura fundiária concentradora de terras que persiste historicamente no Nordeste brasileiro, as condições de miserabilidade a que estava sujeita a população sertaneja e a ausência do Estado nessas regiões interioranas, deixando a população sujeita às vicissitudes dos grandes proprietários locais. Estão corretas as afirmativas: a) II e III, apenas. b) I e III, apenas. c) II, III e IV, apenas. d) I, II, III e IV. e) I e IV, apenas. 44. (Faetec-RJ, adaptada) No início do século XX, a marinha de guerra brasileira ainda adotava práticas que remontavam à época da escravidão. Se um marinheiro cometesse uma falta disciplinar, 9 o oficial poderia castigá-lo com chibatadas. Diante dessa situação de opressão, os marinheiros se amotinaram, assumindo o comando dos navios e ameaçando bombardear a cidade do Rio de Janeiro. liderança do movimento coube a um cabo, que a história e a poesia imortalizaram como o lmirante Negro, cujo nome era: a) ntônio onselheiro. d) José Maria. b) Virgulino Ferreira. e) Luís arlos Prestes. c) João ândido. 45. (Faetec-RJ, adaptada) Do ponto de vista econômico, as principais características do Estado Novo (97-945) foram o impulso à industrialização, o nacionalismo, o protecionismo e a intervenção do Estado na economia. ssim, o governo suspendeu o pagamento da dívida externa, mas manteve negociações destinadas a atrair capitais externos para projetos de desenvolvimento econômico. empresa estatal diretamente ligada à produção industrial, criada em 94, foi a: a) ompanhia Siderúrgica Nacional. b) Empresa Brasileira do çúcar. c) ompanhia Vale do Rio Doce. d) Fábrica Nacional de Motores. e) Petrobras. 46. pós a derrota de Napoleão Bonaparte em 85, ocorreu uma importante reunião entre as nações européias (ongresso de Viena) com a finalidade principal de estabelecer a paz e definir o mapa político da Europa. ssinale os objetivos e as decisões presentes no ongresso de Viena entre os anos de 84 e 85: a) o estabelecimento de uma nova política tributária para toda a Europa e a manutenção das novas fronteiras demarcadas durante a Revolução Francesa. b) de acordo com o princípio de legitimidade, as nações européias voltariam aos limites geográficos anteriores à Revolução Francesa. c) a criação de um tratado denominado Santa liança, que representava o interesse dos países europeus em abolir as monarquias ainda existentes na Europa. d) o reconhecimento da independência das colônias européias e a extinção da Santa liança. e) apoio incondicional as repúblicas instauradas na mérica e o fim das dinastias européias. 47. tente ao texto que segue. Felizes décadas as entre 87 e 94: a Bela Época! Período histórico que, num primeiro momento, desperta na consciência de todos nós a imagem de um mundo marcado pela estabilidade, paz e valores seguros. RODRIUES, Luiz ésar. Primeira uerra Mundial. São Paulo: tual, 986. Na verdade, essa imagem da Europa existiu somente para a grande burguesia. No Velho ontinente, vivia-se um clima de tensão, protestos, medo e ódio, alimentado pelo avanço tecnológico, que trouxe instabilidade política e econômica, enterrando de vez a Bela Época. Nesse momento histórico, as razões determinantes para a eclosão da Primeira rande uerra foram: a) a competição industrial e comercial entre os Estados Unidos e a Inglaterra, então a maior potência econômica do mundo, e a crise entre França e lemanha, resultado da uerra francoprussiana.

10 b) o surgimento de correntes nazi-fascistas na Europa, em especial, na Itália, lemanha e Espanha, e a criação da URSS. c) as ambições geopolíticas russas de tutelar, em nome do paneslavismo, os povos eslavos da Europa oriental e dos Bálcãs e a competição industrial e comercial entre a lemanha e a Inglaterra. d) o desejo da monarquia austro-húngara de reunir os eslavos da península Balcânica e formar uma só monarquia e a eclosão da uerra ivil Espanhola. e) o revanchismo francês decorrente da guerra franco-prussiana, em que os franceses tiveram que devolver a região da lsácia- Lorena, e a anexação da Polônia à lemanha. 48. (UFM-M) omparando-se o colonialismo iniciado no século XVI com o neocolonialismo dos séculos XIX e XX, é correto afirmar que: a) o primeiro centrou-se na colonização da África e da Ásia pelos países ibéricos, enquanto o segundo teve a mérica como principal área de domínio das potências européias. b) ambos foram justificados ideologicamente pela necessidade de expansão do catolicismo por meio da catequese dos nativos que habitavam os continentes atingidos. c) o primeiro visava ao fornecimento de metais preciosos e produtos tropicais, já o segundo buscava conquistar mercados, áreas de investimento e matérias-primas estratégicas. d) ambos se desenvolveram no contexto do capitalismo industrial, mas com funções diferentes: o primeiro abastecia de matériasprimas a Europa, e o segundo consumia seus excedentes. e) o primeiro baseou-se no liberalismo econômico, porém o segundo adotou princípios da política mercantilista, por exemplo o monopólio e o metalismo. Inglês nswer the questions 49 and 5 according to the text. ENVIRONMEN: Smog Beaters Smog is a fact of life in most cities, but several Italian municipalities think they ve found a way to beat it. new type of sidewalk brick breaks down carbon monoxide, a poisonous byproduct of automobile engines that also contributes to global warming. he bricks are made with a blend of titanium dioxide. When exposed to light, the compound interacts chemically with the carbon monoxide, turning it into water and carbon dioxide the gas that produces bubbles in soda pop. I expected it to work, but not so well, says Rossano madelli, who led tests for the Italian National Research ouncil. It stunned me. In September, the cities of agliari, Sassari and Selargiius plan to begin the pollution-eating bricks in their sidewalks and plazas. he bricks cost 9 euros per square meter, a 46 percent premium over conventional brick at euros. hat s the price of fresh air. dapted from SUHERLND, Benjamin. Newsweek, ug. 4, 6. p (U. E. Santa ruz-b) he sidewalk brick mentioned in the text: a) improves air quality. b) increases pollution. c) damages the environment. d) contributes to global warming. e) contains poisonous chemicals. a) cheaper. b) more expensive. c) less costly. d) quite affordable. e) about the same price. ext to the questions 5 and 5. he laughing cure: the best medicine Unfortunately, the tendency to laugh decreases with age. n average six-year-old laughs times a day but by adulthood the tally has fallen to 47. he most miserable individuals struggle to reach six chuckles a day. Dr. Michael Miller, director of the Baltimore entre, said that this was the first time a study had found direct evidence that an active sense of humor may influence heart disease. he old saying that laughter is the best medicine, definitely appears to be true when it comes to protecting the heart, he said. It s not just going ha, ha, ha. It s having a good hearty laugh. 5. (UFM) ccording to the article, the author expresses when he mentions: Unfortunately, the tendency to laugh decreases with age (line ). a) sadness b) pleasure c) joy d) anger e) excitement 5. (UFM) reported speech case from the article is: a) an active sense of humor may influence. (line 6) b) this was the first time a study had found. (line 5) c) it comes to protecting the heart (line 8) d) but by adulthood the tally has fallen to 47. (lines e ) e) he most miserable individuals struggle (line ) 5. (Unicenp-PR) Mark the alternative that provides the correct relative pronoun to complete the sentence: Vitamin K, is a powerful antioxidant, can help prevent degenerative diseases. a) that b) what c) whose d) who e) which 54. My grandfather is used to talking to. a) ourselves b) yourself c) himself d) herself e) themselves 55. I into the elevator and the button. a) get pressed b) got pressed c) gets presses d) got press e) will get press 5. (U. E. Santa ruz-b) ompared to the prices of conventional bricks, the ones mentioned in the article are: 56. Which sentence has the same meaning of: here is no doubt that he was not telling the truth.?

11 a) He must have been telling lies. b) He was probably telling lies. c) He was probably not telling the truth. d) He might have being lying. e) I m not sure he was lying. Língua Portuguesa 57. (UEP) O homem e o mundo têm sido objeto de muitas reflexões poéticas pessimistas e amargas. Leia com atenção o que diz sobre o assunto o poeta regório de Matos uerra, assinalando a afirmativa correta sobre os seguintes versos: Neste mundo é mais rico quem mais rapa, [ ] om sua língua ao nobre o vil decepa, O velhaco maior sempre tem capa Quem dinheiro tiver pode ser Papa. Rapa: raspa, rouba Vil: desprezível, de classe social inferior apa: proteção, boa procedência a) odos têm rigorosamente dez sílabas poéticas e pertencem ao conjunto de poemas lírico-amorosos do autor, em que ele se mostra desencantado com as relações afetivas. b) Eles nos falam, dentre outras coisas, sobre a relação de causa e efeito existente entre a riqueza e a desonestidade. c) São satíricos e refletem sobre o grave problema da faltas de saneamento existente na Bahia do século XVII. d) Pertencem à produção satírica do autor, centrada nos desmandos do clero. e) Eles nos falam sobre a escassez de tecidos existente na Bahia da época, quando só os velhacos vestiam-se adequadamente. 58. Leia com atenção o texto que segue. Há nítidas marcas do Naturalismo em O cortiço, sendo uma delas o cuidado na captação dos dados da realidade a partir de diferentes canais sensoriais sons, cheiros e imagens procuram transmitir ao leitor um quadro verossímil, produzido a partir de uma observação rigorosa do mundo físico. s figuras humanas são claramente reduzidas à condição animal em várias passagens. ssinale a alternativa cujo trecho, de O cortiço, não corrobora o texto apresentado. a) Daí a pouco, em volta das bicas era um zunzum crescente; uma aglomeração tumultuosa de machos e fêmeas. b) [os homens] metiam a cabeça bem debaixo da água e esfregavam com força as ventas e as barbas, fossando e fungando contra as palmas da mão. c) O rumor crescia, condensando-se; o zunzum de todos os dias acentuava-se; já se não destacavam vozes dispersas, mas um só ruído compacto que enchia todo o cortiço. d) Entretanto, agora o maior movimento era na venda à entrada da estalagem. Davam nove horas e os operários das fábricas chegavam-se para o almoço. e) filha tinha quinze anos, a pele de um moreno quente, beiços sensuais, bonitos dentes, olhos luxuriosos de macaca. 59. (Fuvest-SP) Sobre o romance indianista de José de lencar, pode-se afirmar que: a) analisa as reações psicológicas da personagem como um efeito das influências sociais. b) é um composto resultante de formas originais do conto. c) dá forma ao herói amalgamando-o à vida da natureza. d) representa contestação política ao domínio português. e) mantém-se preso aos modelos legados pelos clássicos. 6. (F. Maurício de Nassau-PE) Leia atentamente os textos a seguir. exto I Quando será que tantas almas duras Em tudo, já libertas, já lavadas Nas águas imortais, iluminadas Do sol do amor, hão de ficar bem puras? Quando será que as límpidas frescuras Dos claros rios de ondas estreladas Dos céus do bem, hão de deixar clareadas lmas vis, almas vãs, almas escuras? ruz e Sousa. Poesias completas. São Paulo, Ediouro, s/d. p. 9 exto II Não acredito em bicho maligno mas besouro, não sei não. Olhe o que sucedeu com a Rosa Dezoito anos. E não sabia que os tinha. Ninguém repara nisso. Nem dona arlotinha, nem dona na, entretanto já velhuscas e solteironas, ambas quarenta e muito. Rosa viera pra companhia delas aos sete anos quando lhe morreu a mãe. Morreu ou deu a filha que é a mesma coisa que morrer. NDRDE, Mário de. Os melhores contos. São Paulo, lobal, 988. p. 7. Em relação aos fragmentos apresentados, assinale com V as proposições verdadeiras e com F as falsas. ( ) Por suas características estilísticas, os versos de ruz e Souza pertencem ao Simbolismo, e o texto de Mário de ndrade, ao Modernismo. ( ) O Simbolismo brasileiro apresenta conteúdo carregado de mistério, misticismo, sonoridade e espiritualidade. ( ) No Simbolismo, o lirismo é altamente objetivo, apresentando cunho político-social. ( ) Os textos do Modernismo apresentam, além de linguagem cotidiana e dinâmica, frases despojadas. alternativa que apresenta seqüência correta, de cima para baixo, é: a) V F F V b) V V F F c) V V F V d) F F V V e) V F V V 6. (Unaerp-SP) Leia com atenção este excerto. Quaresma viveu lá, no manicômio, resignadamente, conversando com seus companheiros Saiu o major mais triste ainda do que vivera toda a vida. De todas as coisas tristes de ver, no mundo, a mais triste é a loucura; é a mais depressora e pungente. Lima Barreto. riste fim de Policarpo Quaresma. Nesse trecho do romance, há repetição do vocábulo triste que também está presente no título da obra. Pode-se dizer que esse sentimento de tristeza: () está presente em toda a narrativa, o que faz do major Quaresma um personagem resignado e passivo, conformado com os desmandos políticos de sua época e que se entrega à morte. () reflete um estado de alma que a personagem supera ao se dedicar a trabalhos agrícolas no sítio do Sossego, onde consegue provar que na terra brasileira estava a solução para os problemas econômicos do país.

12

13 De Itabira trouxe prendas diversas que ora ofereço: este São Benedito do velho santeiro lfredo Duval; este couro de anta, estendido no sofá da sala de visitas; este orgulho, esta cabeça baixa ive ouro, tive gado, tive fazendas. Hoje sou funcionário público. Itabira é apenas uma fotografia na parede. Mas como dói! Sobre o texto, pode-se afirmar que: a) o segundo verso fornece uma informação mais geral do que a mensagem transmitida no primeiro verso, reiterando-a e ampliando-a. b) a dor sofrida pelo poeta advém da saudade da infância, porque este tempo antigo é marcado por um poder aquisitivo de que não desfruta no presente. c) no verso 7, a repetição do verbo ter contrasta com a única ocorrência do verbo ser do verso seguinte, sugerindo a busca do poeta pela sua essência. d) a trajetória traçada pelo poeta em onfidência do itabirano, embora repleta de lacunas e cheia de idas e vindas a Itabira, apresenta-se de forma linear. e) o poema apresenta como temática central a dor antecipada do poeta por entender que o esquecimento se sobrepõe à memória. 67. (U. E. Maringá-PR) Nas orações a seguir, ocorre processo de metonímia, exceto em: a) jipões 4 4 movidos a (muito) diesel b) protetores de ouvido de pele de coelho da hanel c) ou um casaco da Zara d) fora de moda quanto xales de pashmina e). da nova coleção de roupas Diesel. 68. Marque a opção em cuja frase a correlação entre os tempos verbais não está correta. a) Fiz coisas boas que me trouxeram prejuízos. b) Desde que começou a trabalhar, teve se dedicado bastante às suas funções. c) Quem nunca comeu melado, quando come, se lambuza. d) ssim que você chegar, poderemos retomar os trabalhos. e) Seriam aproximadamente dez horas quando ocorreu o acidente. 7. (Uncisal) ssinale a alternativa em que a oração destacada é do mesmo tipo da oração sublinhada em: E as carnificinas da guerra não são as únicas que produzem sofrimento em tão larga escala. a) Muitos acreditam que o consumo está acima de qualquer coisa, inclusive do amor. b) penas uma ação que seja capaz de reconhecer as diferenças pode romper o fundamentalismo. c) É preciso que se percebam as diferentes faces do fundamentalismo contemporâneo. d) Muitos pensam que países como a hina seriam verdadeiros infernos na erra. e) maior esperança atual é que novas lideranças políticas globais surjam em breve. 7. (U. E. Maringá-PR) ssinale a alternativa cuja oração está corretamente analisada. a) não quer dizer lutar contra a velha guarda de ricos (oração subordinada substantiva subjetiva reduzida de infinitivo) b) acostumei-me à idéia de que ele [o pai] faz experiências com animais. (oração subordinada substantiva completiva nominal) c) usa seu novo casaco de vison para ir ao trabalho (oração subordinada adverbial temporal reduzida de infinitivo) d) Peso na consciência por estar usando pele é algo tão fora de moda (oração subordinada substantiva objetiva indireta reduzida de gerúndio) e) ela demonstra que não dá a mínima para o novo establishment (oração subordinada adjetiva restritiva) 7. nalise as seguintes frases: I. ustou aos eleitores decidir em quem votar. II. Os bombons chegaram à loja num caminhão-baú. III. decisão dele obedece as normas rígidas da empresa. IV. Elvira namora com Beto, mas prefere muito mais seus gatos do que ele. Quanto à regência verbal, está correto o que se verifica em: a) I e II b) I, II e III c) I, II, III e IV d) II, III e IV e) II e IV 69. Marque a alternativa cuja frase está na voz passiva reflexiva recíproca. a) Naquele sábado, nós nos encontramos por acaso. b) Àquela altura da vida, já era hora de ele se dar mais uma chance. c) Sendo pressionada por todos, ela acabou por se vestir às pressas. d) aminhava lentamente, pensativo, tentando convencer a si mesmo de que tinha feito a escolha certa. e) Deixaram-se todos os livros na mesa da biblioteca. 7. Das frases a seguir, qual está incorreta quanto à concordância verbal e/ou nominal? a) Ele escolheu mau lugar e hora para comentar o episódio. b) O ministro com seus assessores chegou meia hora atrasado. c) É proibido a presença de estranhos nos estúdios. d) s polícias civil e militar se confrontaram durante a greve. e) É preciso muita paciência para lidar com crianças. 74. (U. F. Santa Maria-RS) Leia com atenção o seguinte texto. Brasil tem 65 milhões de eleitoras e 6 milhões de eleitores Os candidatos que concorrem às eleições de outubro deste ano disputarão o voto de eleitores, quase milhões de votantes a mais do que na eleições de. O SE (ribunal Superior Eleitoral) divulgou recentemente as primeiras tabelas que mostram como o eleitorado se divide pelo país e em que locais será preciso intensificar a campanha. s informações incluem eleitores dos 6 estados, do Distrito Federal e os cerca de 86 mil brasileiros que moram no exterior e representam,7% do eleitorado. [ ] Os residentes no exterior votam apenas para presidente e vice-presidente da República. Os demais elegerão governadores, um candidato ao Senado por estado, deputados federais e estaduais em 9.7 locais de votação. [ ] Dados atualizados até maio deste ano, pela instituição, mostram que 5,5% (em torno de 65 milhões) dos eleitores são do sexo feminino. Em, as mulheres representam 5,84% do eleitorado. té maio de 6, o Brasil tinha aproximadamente 6 milhões de homens votantes.

14 De acordo com a atualização de maio, a maior parte dos eleitores (cerca de milhões) tem entre 5 e 4 anos, mas seguida de perto pelos que têm entre 45 e 59 anos (em torno de 6,6 milhões) e pelos que têm entre 5 e 44 anos (aproximadamente 5 milhões). [ ] té abril, a maior faixa dos votantes declarou ter o primeiro grau completo (4,77%). O eleitorado analfabeto corresponde a 6,57% dos eleitores nacionais. Os que concluíram o ensino superior representavam, até maio,,%. [ ] nalise as afirmativas a seguir, referentes às informações apresentadas no texto. I. través da divulgação das primeiras tabelas com a distribuição do eleitorado, o SE poderá saber em que locais ele precisa intensificar a campanha. II. Os residentes no exterior podem votar para governador, senador ou deputados. III. O número de eleitores analfabetos é menor que o daqueles que têm primeiro grau completo e maior que os dos que concluíram o ensino superior. Está(ão) correta(s): a) apenas I. d) apenas I e II. b) apenas II. e) apenas II e III. c) apenas III. 75. (FV-SP) Em No capitalismo clássico, os impostos que recaíam sobre os salários o faziam de uma forma sempre indireta., o pronome o: a) tem valor corretivo e retoma o termo salários. b) é complemento nominal e retoma o sujeito os impostos. c) é complemento verbal e retoma a informação recaíam sobre os salários. d) é complemento verbal e retoma a expressão os impostos. e) tem valor explicativo e retoma o termo capitalismo. 76. ssinale a opção em que o pronome destacado possui a mesma função que o pronome na frase Durante a partida, os jogadores se machucaram gravemente numa dividida de bola. a) s coisas continuam a se desfazer. b) Não se sabe se darão o devido peso a temas como aquecimento global e segurança energética. c) Logo na chegada, os governantes se cumprimentaram amigavelmente, ainda que o clima não fosse para tanto. d) Isso tudo é verdade, mas política não se faz com números nem com certezas, mas com combinações de números e tendências. e) O loteamento pode se tornar de fato competição eleitoral. 79. (Mackenzie-SP) s funções f(x) = 4x e g(x) = x + m são tais que f(g(x)) = g (f(x)), qualquer que seja x real. O valor de m é: a) 9 4 b) 5 4 c) 6 5 d) 9 5 e) 8. (Emescam-ES) massa de um elemento que tem decaimento radioativo é dada, em função do tempo, por M = M e λt, onde e,7. meia vida de um elemento é definida como sendo o tempo necessário para que a massa deste se reduza à metade. Sabendo-se que log =,; log,7 =,4 e que a meia vida de certo elemento vale 7,5 mil anos, determine a constante de decaimento (λ) que se refere a este elemento. a) anos d) anos b) anos e) 4 anos c) anos 8. s medidas dos lados de um triângulo B, cujo perímetro é 4 cm, formam uma progressão aritmética de razão cm. Sendo ˆ, ˆ B e Ĉ os ângulos internos desse triângulo, então cos  + cos ˆB + cos Ĉ vale: 69 9 a) b) c) 55 5 d) (UFPI) Sejam a, b e c números reais não nulos e =. Então, e det é igual a: a b c bc ac ab a) e b) c) d) e) e e e e) (UFM) Os pontos destacados na circunferência abaixo são vértices de um dodecágono regular. Qual a probabilidade de uma diagonal do dodecágono escolhida ao acaso ser a de maior tamanho? L M B D E Matemática 77. (F. M. atanduva-sp) Leia as afirmações. Os triângulos MNP e M N P são semelhantes. área do triângulo MNP é igual a cm. área do triângulo M N P é igual a 9 cm. Sob essas condições, pode-se concluir que a razão entre o perímetro do triângulo MNP e o perímetro do triângulo M N P é de: a) 6 b) 8 c) 78. Sendo tg(x) = 5, então o valor de cos( x) é: sen( x) a) b) c) d) e) d) e) 4 a) b) J 54 I c) 9 H d) 9 F e) (Unicentro-PR) Uma van tem 8 (oito) bancos individuais, sendo 4 (quatro) do lado direito e 4 (quatro) do lado esquerdo. De 8 (oito) passageiros que embarcaram, (três) preferem sentar do lado direito, (dois) preferem sentar do lado esquerdo e os demais não têm qualquer preferência. De quantos modos diferentes os passageiros podem se sentar, respeitando-se as preferências? a) 4 b) 94 c) 576 d).668 e).78

15 85. (FV-SP) região triangular limitada pelas retas y x =, y + x = 5 e x = 5 tem a forma de um triângulo retângulo. distância do ponto médio da hipotenusa do triângulo à origem O (,) é igual a: a) 7 b) 4 c) 4 d) 5 e) 86. (UFO, adaptada) O valor de k R, para que o polinômio p(x) = kx + (k + ) x + kx + 6 seja divisível por x + é: a) b) c) d) e) 87. (Fatec-SP) Relativamente ao número complexo z = cos + i sen é verdade que: a) z = + i sen b) no plano de rgand-auss, os afixos de z são pontos de uma circunferência de centro na origem e raio π. c) no plano de rgand-auss, os afixos de z, z, e z pertencem, respectivamente, ao primeiro, segundo e terceiro quadrantes. d) no plano de rgand-auss, o afixo de z pertence ao quarto quadrante. e) o argumento de z está compreendido entre e (UEE, adaptada) Uma esfera, com o raio medindo 5 cm, está circunscrita a um cilindro circular reto cuja altura mede 8 cm. hamou-se de X a razão entre o volume da esfera e o volume do cilindro. Dentre as opções abaixo, assinale a que apresenta o valor mais próximo de X. a),7 d),4 b),9 e) 4 c), Química 89. (UF) distribuição eletrônica de um átomo é s s p 6 s p 5. Isso nos permite afirmar que se trata de um: a) metal alcalino. b) halogênio. c) calcogênio. d) metal alcalino terroso. e) gás nobre. 9. onsiderando os vários modelos para as ligações químicas, é possível interpretar algumas propriedades de substâncias simples e compostas. Por exemplo, a condutividade elétrica se processa por deslocamento de íons ou pelo movimento de elétrons nãolocalizados. om relação a essa propriedade, assinale a alternativa correta. a) condutividade elétrica de materiais no estado sólido permite distinguir um sólido iônico (por exemplo, sal de cozinha) de um sólido molecular (por exemplo, açúcar). b) grafite usada nas pilhas conduz corrente elétrica por meio dos íons dos átomos de carbono nela presentes. c) condução de corrente elétrica por soluções aquosas é explicada pela presença de íons na solução. d) não-condutividade elétrica do ferro é explicada pela ausência de íons e de elétrons não-localizados nos seus átomos. e) Os ácidos são compostos moleculares que quando dissolvidos em água não conduzem corrente elétrica (Mackenzie-SP) combustão da gasolina pode ser equacionada por: 8 H 8 + O w O + H O Equação não-balanceada. onsidere que após uma hora e meia de reação foram produzidos 6 mol de O. Dessa forma, a velocidade de reação, expressa em número de mols de gasolina consumida por minuto, é de: a), b) 4,5 c), d),4 e),5 9. (Unifesp) onsidere recipientes com os seguintes volumes de substâncias gasosas, nas mesmas condições de pressão e temperatura. Substância gasosa O O O H 4 Volume (L) om base no princípio de vogrado ( volumes iguais de gases quaisquer, mantidos nas mesmas condições de temperatura e pressão, contêm o mesmo número de moléculas ), é possível afirmar que o número total de átomos é igual nos recipientes que contêm: a) O e O d) O e O b) O e O e) O e H 4 c) O e H 4 9. (Unirio) Observe a seguinte equação não-balanceada: + + PbO(s) + H O(aq.) + I(aq.) w Pb(aq.) + I(aq.) + HO ( ) soma dos coeficientes estequiométricos dessa reação é igual a: a) 6 b) c) d) e) (UFE, adaptada) Freqüentemente, os avanços tecnológicos são originados de descobertas científicas básicas. Por exemplo, a descoberta da bateria de lítio viabilizou o uso dos marca-passos cardíacos, possibilitando, assim, o prolongamento da vida humana sem, entretanto, ter sido concebida para tal. Dentre as vantagens das baterias de lítio, incluem-se sua pequena dimensão, baixo peso e elevado conteúdo energético. onsiderando as semi-reações a seguir, para fins comparativos, assinale a alternativa correta: + Li (aq.) + Zn (aq.) + e w Li (s) E =,5 V + e w Zn (s) E =,76V a) O zinco metálico é oxidado espontaneamente na presença do íon lítio. b) O lítio metálico é um agente redutor mais forte que o zinco metálico. c) O íon lítio e o zinco metálico, em solução eletrolítica, formam uma célula galvânica. d) O potencial-padrão de redução de dois mol de íons Li + é 6, V. e) ddp produzida numa pilha de zinco e lítio seria de,8 V. 95. (PU-RS) Para responder à questão, analise as afirmativas a seguir: I. Uma reação com energia de ativação 4 kj é mais lenta que uma outra reação que apresenta energia de ativação igual a kj. II. adição de um catalisador a uma reação química proporciona um novo caminho de reação, no qual a energia de ativação é diminuída.

16 III. Um aumento de temperatura geralmente provoca um aumento na energia de ativação da reação. IV. associação dos reagentes com energia igual à energia de ativação constitui o complexo ativado. Pela análise das afirmativas, conclui-se que somente estão corretas: a) I e II. d) I, III e IV. b) I e III. e) II, III e IV. c) II e IV. 96. (Fuvest-SP) reação de esterificação do ácido etanóico com etanol apresenta constante de equilíbrio igual a 4, à temperatura ambiente. diante estão indicadas cinco situações, dentre as quais apenas uma é compatível com a reação, considerando-se que a composição final é a de equilíbrio. Qual alternativa representa, nessa temperatura, a reação de esterificação citada? a) b) c) d) e) omposição inicial em mols X Y Z 6 W 6 omposição final em mols 97. (efet-pr) seguir é indicada uma reação muito utilizada na indústria química pesada (a síntese da amônia), além da constante de equilíbrio para algumas temperaturas sob pressão constante de atm. emperatura ( ) 4 5 X 4 K c Y 6,5, 6, 4 7,4 5 om base na tabela pode-se afirmar (em termos de equilíbrio) que: a) em temperaturas baixas a produção de amônia é prejudicada. b) valores pequenos de K c indicam que no equilíbrio da reação ocorre grande consumo de nitrogênio e hidrogênio. c) em temperatura altas a produção de amônia é prejudicada. d) valores altos de K c indicam que no equilíbrio da reação ocorre pequeno consumo de nitrogênio e hidrogênio. e) valores altos de K c indicam que no equilíbrio da reação há pouca formação de amônia. Z 4 W (Vunesp) Para preparar o composto butanoato de etila, que possui aroma de abacaxi, usa-se o etanol como um dos reagentes de partida. função orgânica a qual pertence esse aromatizante e o nome do outro reagente necessário para sua síntese são, respectivamente: a) éster, ácido etanóico. b) éter, ácido butanóico. c) amida, ácido butílico. d) éster, ácido butanóico. e) éter, álcool butílico. 99. (F. M. Jundiaí-SP) Licor caseiro com metanol mata ao menos 6 na Nicarágua [ ] venda de bebidas alcoólicas destiladas feitas em casa é legal na Nicarágua e um hábito comum nas regiões rurais. Muitos dos que morreram eram pobres, apesar da V local ter informado que um médico estava entre os mortos. O lote de licor havia sido misturado com metanol, um líquido venenoso que, quando ingerido, pode causar danos nos órgãos em algumas horas e levar à cegueira ou à morte por falha respiratória [ ] UOL Últimas notícias, 8 set. 6. grande toxidade do metanol deve-se a sua oxidação parcial e total, que produz, respectivamente: a) etanal e ácido etanóico. b) metanal e ácido metanóico. c) ácido metanóico e etanal. d) ácido acético e aldeído acético. e) acetato de metila e metanal.. (Uespi) O náilon-6,6 é um polímero sintético formado pela união entre um ácido carboxílico e uma amina. Qual dos polímeros abaixo representa o náilon-6,6? a) ( H H ) n b) ( H H H H ) n c) (H ) 4 d) O HN O O NH (H ) 6 NH... n O H O H O O e) O... O O H H O... n O n 6

URBANIZAÇÃO LUGAR É A BASE

URBANIZAÇÃO LUGAR É A BASE URBANIZAÇÃO LUGAR É A BASE. DA REPRODUÇÃO DA VIDA E PODE SER ANALISADO PELA TRÍADE HABITANTE- IDENTIDADE-LUGAR. OBJETIVOS ESPECÍFICOS A. Caracterizar o fenômeno da urbanização como maior intervenção humana

Leia mais

GABARITO PRÉ-VESTIBULAR

GABARITO PRÉ-VESTIBULAR LINGUAGENS 01. C 02. D 03. C 04. B 05. C 06. C 07. * 08. B 09. A 10. D 11. B 12. A 13. D 14. B 15. D LÍNGUA ESTRANGEIRA 16. D 17. A 18. D 19. B 20. B 21. D MATEMÁTICA 22. D 23. C De acordo com as informações,

Leia mais

Espaço Geográfico (Tempo e Lugar)

Espaço Geográfico (Tempo e Lugar) Espaço Geográfico (Tempo e Lugar) Somos parte de uma sociedade, que (re)produz, consome e vive em uma determinada porção do planeta, que já passou por muitas transformações, trata-se de seu lugar, relacionando-se

Leia mais

O Mundo industrializado no século XIX

O Mundo industrializado no século XIX O Mundo industrializado no século XIX Novas fontes de energia; novos inventos técnicos: Por volta de 1870, deram-se, em alguns países, mudanças importantes na indústria. Na 2ª Revolução Industrial as indústrias

Leia mais

Data: /08/2014 Bimestre: 2. Nome: 8 ANO B Nº. Disciplina: Geografia Professor: Geraldo

Data: /08/2014 Bimestre: 2. Nome: 8 ANO B Nº. Disciplina: Geografia Professor: Geraldo Data: /08/2014 Bimestre: 2 Nome: 8 ANO B Nº Disciplina: Geografia Professor: Geraldo Valor da Prova / Atividade: 2,0 (DOIS) Nota: GRUPO 3 1- (1,0) A mundialização da produção industrial é caracterizada

Leia mais

Exercícios sobre África: Características Físicas e Organizações Territoriais

Exercícios sobre África: Características Físicas e Organizações Territoriais Exercícios sobre África: Características Físicas e Organizações Territoriais 1. Observe o mapa a seguir. As partes destacadas no mapa indicam: a) Áreas de clima desértico. b) Áreas de conflito. c) Áreas

Leia mais

Estrutura Populacional e Indicadores socioeconômicos

Estrutura Populacional e Indicadores socioeconômicos POPULAÇÃO BRASILEIRA Estrutura Populacional e Indicadores socioeconômicos Desde a colonização do Brasil o povoamento se concentrou no litoral do país. No início do século XXI, a população brasileira ainda

Leia mais

CONTEXTO HISTORICO E GEOPOLITICO ATUAL. Ciências Humanas e suas tecnologias R O C H A

CONTEXTO HISTORICO E GEOPOLITICO ATUAL. Ciências Humanas e suas tecnologias R O C H A CONTEXTO HISTORICO E GEOPOLITICO ATUAL Ciências Humanas e suas tecnologias R O C H A O capitalismo teve origem na Europa, nos séculos XV e XVI, e se expandiu para outros lugares do mundo ( Ásia, África,

Leia mais

Cidade e desigualdades socioespaciais.

Cidade e desigualdades socioespaciais. Centro de Educação Integrada 3º ANO GEOGRAFIA DO BRASIL A Produção do Espaço Geográfico no Brasil nas economias colonial e primário exportadora. Brasil: O Espaço Industrial e impactos ambientais. O espaço

Leia mais

COLÉGIO MARISTA DE BRASÍLIA Educação Infantil e Ensino Fundamental Aluno(a): 8º Ano: Nº Professor(a): Data: / / Componente Curricular: HISTÓRIA

COLÉGIO MARISTA DE BRASÍLIA Educação Infantil e Ensino Fundamental Aluno(a): 8º Ano: Nº Professor(a): Data: / / Componente Curricular: HISTÓRIA COLÉGIO MARISTA DE BRASÍLIA Educação Infantil e Ensino Fundamental Aluno(a): 8º Ano: Nº Professor(a): Data: / / Componente Curricular: HISTÓRIA 2011/HIST8ANOEXE2-PARC-1ºTRI-I AVALIAÇÃO PARCIAL 1º TRIMESTRE

Leia mais

REVISÃO NOVAFAP-FACID(geografia-Hugo)

REVISÃO NOVAFAP-FACID(geografia-Hugo) REVISÃO NOVAFAP-FACID(geografia-Hugo) 1. (Ufu) Na década de 1960, o geógrafo Aziz Nacib Ab'Saber reuniu as principais características do relevo e do clima das regiões brasileiras para formar, com os demais

Leia mais

PLANO DE ENSINO DE HISTÓRIA 5ª. SÉRIE DO ENSINO FUNDAMENTAL 1º BIMESTRE

PLANO DE ENSINO DE HISTÓRIA 5ª. SÉRIE DO ENSINO FUNDAMENTAL 1º BIMESTRE PLANO DE ENSINO DE HISTÓRIA 5ª. SÉRIE DO ENSINO FUNDAMENTAL 1º BIMESTRE - Sistemas sociais e culturais de notação de tempo ao longo da história, - As linguagens das fontes históricas; - Os documentos escritos,

Leia mais

Matéria da Recuperação. Industrialização Urbanização População

Matéria da Recuperação. Industrialização Urbanização População Disciplina: Geografia Roteiro de Recuperação Ano / Série: 7º Professor (a): Gabriel Data: / / 2013 Matéria da Recuperação Industrialização Urbanização População 1- A função urbana de uma cidade diz respeito

Leia mais

UFSC. Resposta: 01 + 02 = 03. Comentário

UFSC. Resposta: 01 + 02 = 03. Comentário Resposta: 01 + 02 = 03 01. Correta. 04. Incorreta. O número de trabalhadores no setor primário, principalmente na agropecuária, continuou diminuindo devido à automação. O aumento ocorreu no setor de serviço.

Leia mais

Prova 3 Geografia QUESTÕES APLICADAS A TODOS OS CANDIDATOS QUE REALIZARAM A PROVA ESPECÍFICA DE GEOGRAFIA. QUESTÕES OBJETIVAS GABARITO 1

Prova 3 Geografia QUESTÕES APLICADAS A TODOS OS CANDIDATOS QUE REALIZARAM A PROVA ESPECÍFICA DE GEOGRAFIA. QUESTÕES OBJETIVAS GABARITO 1 Prova 3 QUESTÕES OBJETIVAS QUESTÕES APLICADAS A TODOS OS CANDIDATOS QUE REALIZARAM A PROVA ESPECÍFICA DE GEOGRAFIA. UEM Comissão Central do Vestibular Unificado GEOGRAFIA 01 O episódio sobre a exploração

Leia mais

Prova 3 Geografia QUESTÕES APLICADAS A TODOS OS CANDIDATOS QUE REALIZARAM A PROVA ESPECÍFICA DE GEOGRAFIA. QUESTÕES OBJETIVAS GABARITO 2

Prova 3 Geografia QUESTÕES APLICADAS A TODOS OS CANDIDATOS QUE REALIZARAM A PROVA ESPECÍFICA DE GEOGRAFIA. QUESTÕES OBJETIVAS GABARITO 2 Prova 3 QUESTÕES OBJETIVAS QUESTÕES APLICADAS A TODOS OS CANDIDATOS QUE REALIZARAM A PROVA ESPECÍFICA DE GEOGRAFIA. UEM Comissão Central do Vestibular Unificado 2 GEOGRAFIA 01 No Paraná, a Mata de Araucária,

Leia mais

Brasil e suas Organizações políticas e administrativas. Brasil Atual 27 unidades político-administrativas 26 estados e distrito federal

Brasil e suas Organizações políticas e administrativas. Brasil Atual 27 unidades político-administrativas 26 estados e distrito federal Brasil e suas Organizações políticas e administrativas GEOGRAFIA Em 1938 Getúlio Vargas almejando conhecer o território brasileiro e dados referentes a população deste país funda o IBGE ( Instituto Brasileiro

Leia mais

Questão 46. Questão 48. Questão 47. alternativa C. alternativa D. alternativa C

Questão 46. Questão 48. Questão 47. alternativa C. alternativa D. alternativa C Questão 46 função da velocidade em relação ao tempo de um ponto material em trajetória retilínea, no SI, é v = 5,0 2,0t. Por meio dela pode-se afirmar que, no instante t = 4,0 s, a velocidade desse ponto

Leia mais

O continente africano

O continente africano O continente africano ATIVIDADES Questão 04 Observe o mapa 2 MAPA 2 Continente Africano Fonte: . A região do Sahel, representada

Leia mais

Como está a situação da população mundial e que expectativa razoável podemos ter para o futuro?

Como está a situação da população mundial e que expectativa razoável podemos ter para o futuro? População mundial Leia as manchetes abaixo: População mundial superará 9,2 bilhões em 2050, estima ONU BBC Brasil Casais ricos burlam lei do filho único na China BBC Brasil A população mundial atingiu

Leia mais

A Revolução Industrial, iniciada na Grà-Bretanha, mudou a maneira de trabalhar e de pensar das pessoas

A Revolução Industrial, iniciada na Grà-Bretanha, mudou a maneira de trabalhar e de pensar das pessoas A Revolução Industrial, iniciada na Grà-Bretanha, mudou a maneira de trabalhar e de pensar das pessoas A industrialização mudou a história do homem. O momento decisivo ocorreu no século XVIII com a proliferação

Leia mais

Construção do Espaço Africano

Construção do Espaço Africano Construção do Espaço Africano Aula 2 Colonização Para melhor entender o espaço africano hoje, é necessário olhar para o passado afim de saber de que forma aconteceu a ocupação africana. E responder: O

Leia mais

1) INSTRUÇÃO: Para responder à questão, considere as afirmativas a seguir, sobre a Região Nordeste do Brasil.

1) INSTRUÇÃO: Para responder à questão, considere as afirmativas a seguir, sobre a Região Nordeste do Brasil. Marque com um a resposta correta. 1) INSTRUÇÃO: Para responder à questão, considere as afirmativas a seguir, sobre a Região Nordeste do Brasil. I. A região Nordeste é a maior região do país, concentrando

Leia mais

ANEXO I CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS 1 º ANO DO ENSINO MÉDIO DA ESCOLA TÉCNICA DE SAÚDE DE CAJAZEIRAS PARA O ANO 2014.

ANEXO I CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS 1 º ANO DO ENSINO MÉDIO DA ESCOLA TÉCNICA DE SAÚDE DE CAJAZEIRAS PARA O ANO 2014. ANEXO I CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS 1 º ANO DO ENSINO MÉDIO DA ESCOLA TÉCNICA DE SAÚDE DE CAJAZEIRAS PARA O ANO 2014. LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Classes de palavras: - Substantivo - Adjetivo - Artigo - Numeral

Leia mais

A novidade é que o Brasil não é só litoral É muito mais é muito mais que qualquer zona sul Tem gente boa espalhada por este Brasil Que vai fazer

A novidade é que o Brasil não é só litoral É muito mais é muito mais que qualquer zona sul Tem gente boa espalhada por este Brasil Que vai fazer CAUSAS: Acirramento da concorrência comercial entre as potências coloniais; Crise das lavouras de cana; Estagnação da economia portuguesa na segunda metade do século XVII; Necessidade de encontrar metais

Leia mais

A Economia da América Latina

A Economia da América Latina A Economia da América Latina adsense1 Agricultura A agricultura de subsistência era a principal atividade econômica dos povos originais da América Latina, Essa atividade era complementada pela caça, pela

Leia mais

PORTUGUÊS 3 o BIMESTRE

PORTUGUÊS 3 o BIMESTRE Sistema de Ensino Unidade Portugal Série: 5 o ano (4 a série) Período: TARDE AVALIAÇÃO DE CONTEÚDO DO GRUPO VIII PORTUGUÊS 3 o BIMESTRE Nome: Turma: Data: 19/9/2009 Valor da prova: 8,0 Nota: Eixo temático

Leia mais

RESOLUÇÕES E COMENTÁRIOS

RESOLUÇÕES E COMENTÁRIOS 1 RESOLUÇÕES E COMENTÁRIOS DAS QUESTÕES ( x ) I Unidade ( ) II Unidade ( ) III Unidade BIOLOGIA E GEOGRAFIA Curso: Ensino Fundamental 9.º Ano Letivo: Turma: ABCDEF Data: 19 / / 04 2010 Biologia e Geografia

Leia mais

Marie Curie Vestibulares Lista 4 Geografia Matheus Ronconi AGROPECUÁRIA, INDÚSTRIA E DISTRIBUIÇÃO TECNOLÓGICA MUNDIAL

Marie Curie Vestibulares Lista 4 Geografia Matheus Ronconi AGROPECUÁRIA, INDÚSTRIA E DISTRIBUIÇÃO TECNOLÓGICA MUNDIAL AGROPECUÁRIA, INDÚSTRIA E DISTRIBUIÇÃO TECNOLÓGICA MUNDIAL 1) (UDESC - 2012) São exemplos da indústria de bens de consumo (ou leve): a) Indústria de autopeças e de alumínio. b) Indústria de automóveis

Leia mais

O CAPITALISMO E A DIVISÃO INTERNACIONAL DO TRABALHO (DIT)

O CAPITALISMO E A DIVISÃO INTERNACIONAL DO TRABALHO (DIT) O CAPITALISMO E A DIVISÃO INTERNACIONAL DO TRABALHO (DIT) O capitalismo teve origem na Europa, entre os séculos XIII e XIV, com o renascimento urbano e comercial e o surgimento de uma nova classe social:

Leia mais

NAPOLEÃO BONAPARTE. Pode-se dividir seu governo em três partes: Consulado (1799-1804) Império (1804-1815) Governo dos Cem Dias (1815)

NAPOLEÃO BONAPARTE. Pode-se dividir seu governo em três partes: Consulado (1799-1804) Império (1804-1815) Governo dos Cem Dias (1815) NAPOLEÃO BONAPARTE 1 Profª Adriana Moraes Destaca-se política e militarmente no Período Jacobino. DIRETÓRIO Conquistas militares e diplomáticas na Europa defesa do novo governo contra golpes. Golpe 18

Leia mais

Sugestões de avaliação. História 7 o ano Unidade 3

Sugestões de avaliação. História 7 o ano Unidade 3 Sugestões de avaliação História 7 o ano Unidade 3 5 Nome: Data: Unidade 3 1. Relacione as colunas a seguir, que apresentam algumas inovações tecnológicas utilizadas a partir do século X. (a) Moinho de

Leia mais

CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA

CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA ENSINO MÉDIO ÁREA CURRICULAR: CIÊNCIAS HUMANAS E SUAS TECNOLOGIAS DISCIPLINA: HISTÓRIA SÉRIE 1.ª CH 68 ANO 2012 COMPETÊNCIAS:. Compreender

Leia mais

REVISÃO AMÉRICA ANGLO SAXÔNICA E MÉXICO

REVISÃO AMÉRICA ANGLO SAXÔNICA E MÉXICO REVISÃO AMÉRICA ANGLO SAXÔNICA E MÉXICO DIVISÃO DO CONTINENTE AMERICANO Os países que pertencem a América do Norte são: EUA, Canadá e México. Os países que pertencem a América Anglo Saxônica são: EUA

Leia mais

A América Espanhola.

A América Espanhola. Aula 14 A América Espanhola. Nesta aula, trataremos da colonização espanhola na América, do processo de independência e da formação dos Estados Nacionais. Colonização espanhola na América. A conquista

Leia mais

-----> V = 73,3V. Portanto: V2 = 73,3V e V1 = 146,6V, com isso somente L1 brilhará acima do normal e provavelmente queimará.

-----> V = 73,3V. Portanto: V2 = 73,3V e V1 = 146,6V, com isso somente L1 brilhará acima do normal e provavelmente queimará. TC 3 UECE 01 FASE POF.: Célio Normando Conteúdo: Lâmpadas Incandescentes 1. A lâmpada incandescente é um dispositivo elétrico que transforma energia elétrica em energia luminosa e energia térmica. Uma

Leia mais

PROCESSO DE METROPOLIZAÇÃO. desigualmente mudando de natureza e de composição, exigindo

PROCESSO DE METROPOLIZAÇÃO. desigualmente mudando de natureza e de composição, exigindo Geografia urbana Costa, 2002 1 PROCESSO DE METROPOLIZAÇÃO! As porções do território ocupadas pelo homem vão desigualmente mudando de natureza e de composição, exigindo uma nova definição. As noções de

Leia mais

ambientes de topografia mais irregular são mais vulneráveis a qualquer tipo de interferência. Nestes, de acordo com Bastos e Freitas (2002), a

ambientes de topografia mais irregular são mais vulneráveis a qualquer tipo de interferência. Nestes, de acordo com Bastos e Freitas (2002), a 1. INTRODUÇÃO Muitas e intensas transformações ambientais são resultantes das relações entre o homem e o meio em que ele vive, as quais se desenvolvem num processo histórico. Como reflexos dos desequilíbrios

Leia mais

VESTIBULAR 2013 1ª Fase. GEOGRAFIA Grade de Correção. Instruções Gerais: Instruções para a prova de Geografia:

VESTIBULAR 2013 1ª Fase. GEOGRAFIA Grade de Correção. Instruções Gerais: Instruções para a prova de Geografia: Instruções Gerais: VESTIBULAR 2013 1ª Fase GEOGRAFIA Grade de Correção Hoje você deverá responder às questões de Artes e Questões Contemporâneas, História, Geografia e de Raciocínio Lógico-Matemático.

Leia mais

REVOLUÇÃO FRANCESA 1789-1799

REVOLUÇÃO FRANCESA 1789-1799 REVOLUÇÃO FRANCESA 1789-1799 À procura de solução para a crise: 1787 Luís XVI convocação dos conselheiros para criação de novos impostos Acabar com a isenção fiscal do Primeiro e Segundo Estados CONSEQUÊNCIA

Leia mais

1) Em novembro de 1807, a família real portuguesa deixou Lisboa e, em março de 1808, chegou ao Rio de Janeiro. O acontecimento pode ser visto como:

1) Em novembro de 1807, a família real portuguesa deixou Lisboa e, em março de 1808, chegou ao Rio de Janeiro. O acontecimento pode ser visto como: 1) Em novembro de 1807, a família real portuguesa deixou Lisboa e, em março de 1808, chegou ao Rio de Janeiro. O acontecimento pode ser visto como: a) incapacidade dos Braganças de resistirem à pressão

Leia mais

MINERAÇÃO E REVOLTAS NO BRASIL COLONIAL

MINERAÇÃO E REVOLTAS NO BRASIL COLONIAL MINERAÇÃO E REVOLTAS NO BRASIL COLONIAL Portugal: crises e dependências -Portugal: acordos comerciais com a Inglaterra; -Exportação de produtos brasileiros; -Tratado de Methuen: redução fiscal para os

Leia mais

TODOS COLÉGIOS SIMULADO 2ª SÉRIE

TODOS COLÉGIOS SIMULADO 2ª SÉRIE TODOS COLÉGIOS SIMULADO 2ª SÉRIE 1.Analise as afirmativas abaixo referentes ao Iluminismo: 01 - Muitas das idéias propostas pelos filósofos iluministas são, hoje, elementos essenciais da identidade da

Leia mais

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2ª PROVA PARCIAL DE GEOGRAFIA

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2ª PROVA PARCIAL DE GEOGRAFIA COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2012 2ª PROVA PARCIAL DE GEOGRAFIA Aluno(a): Nº Ano: 7º Turma: Data: 02/06/2012 Nota: Professor(a): EDVALDO DE OLIVEIRA Valor da Prova: 40 pontos Orientações

Leia mais

Crescimento urbano e industrial dos anos 20 ao Estado Novo

Crescimento urbano e industrial dos anos 20 ao Estado Novo A UA UL LA MÓDULO 7 Crescimento urbano e industrial dos anos 20 ao Estado Novo Nesta aula O café foi o principal produto de exportação durante a República Velha. Os cafeicultores detinham o controle da

Leia mais

Rei (controla poder moderador) além de indicar o primeiro ministro e dissolve a Câmara de Deputados Monarquia torna-se estável

Rei (controla poder moderador) além de indicar o primeiro ministro e dissolve a Câmara de Deputados Monarquia torna-se estável História do Brasil Professora Agnes (Cursinho Etec Popular de São Roque) Política Interna O SEGUNDO REINADO (1840-1889) * Apogeu da monarquia brasileira. * Centralização política e administrativa. * Pacificação

Leia mais

REVOLUÇÃO FRANCESA. Por: Rodrigo A. Gaspar

REVOLUÇÃO FRANCESA. Por: Rodrigo A. Gaspar REVOLUÇÃO FRANCESA Por: Rodrigo A. Gaspar REVOLUÇÃO FRANCESA Influência dos valores iluministas Superação do Absolutismo monárquico e da sociedade estratificada Serviu de inspiração para outras revoluções,

Leia mais

A expansão dos EUA (séc. XVIII-XX)

A expansão dos EUA (séc. XVIII-XX) 1803 Os Estados Unidos compram a Louisiana da França. Cronologia 1846 a 1848 Guerra do México. Os Estados Unidos conquistam e anexam os territórios da Califórnia, Novo México, Nevada, Arizona e Utah. 1810

Leia mais

Trabalhar as regiões

Trabalhar as regiões A U A UL LA Trabalhar as regiões Nesta aula, vamos aprender como a organi- zação espacial das atividades econômicas contribui para diferenciar o espaço geográfico em regiões. Vamos verificar que a integração

Leia mais

PROVA BIMESTRAL História

PROVA BIMESTRAL História 8 o ano o bimestre PROVA BIMESTRAL História Escola: Nome: Turma: n o :. Leia os textos e responda às questões e. Texto Na Grécia Antiga, Aristóteles (384 a.c.-3 a.c.) já defendia a ideia de que o Universo

Leia mais

IME - 2003 2º DIA FÍSICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR

IME - 2003 2º DIA FÍSICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR IME - 2003 2º DIA FÍSICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR Física Questão 01 Um pequeno refrigerador para estocar vacinas está inicialmente desconectado da rede elétrica e o ar em seu interior encontra-se

Leia mais

POPULAÇÃO SUBNUTRIDA - 2006

POPULAÇÃO SUBNUTRIDA - 2006 PROFESSOR: EQUIPE DE GEOGRAFIA BANCO DE QUESTÕES - GEOGRAFIA - 8º ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ============================================================================================== 01- Observe os

Leia mais

Os pontos cardeais, colaterais e subcolaterais

Os pontos cardeais, colaterais e subcolaterais Os pontos cardeais, colaterais e subcolaterais Dois trópicos e dois círculos Polares Tipos de Escalas Gráfica Numérica 1 : 100.000 Principais projeções cartográficas Cilíndrica Cônica Azimutal ou Plana

Leia mais

SIMULADO DO ENEM TESTE SEUS CONHECIMENTOS

SIMULADO DO ENEM TESTE SEUS CONHECIMENTOS SIMULADO DO ENEM TESTE SEUS CONHECIMENTOS Simulado do Enem: 1 - Analise as representações cartográficas a seguir: Estas representações são anamorfoses geográficas. Uma anamorfose geográfica representa

Leia mais

MOD. 13 CRISE DO IMPÉRIO COLONIAL ESPANHOL

MOD. 13 CRISE DO IMPÉRIO COLONIAL ESPANHOL MOD. 13 CRISE DO IMPÉRIO COLONIAL ESPANHOL A MUDANÇA DA POLÍTICA COLONIAL ESPANHOLA SE DEU EM FUNÇÃO: DO ENVOLVIMENTO DA ESPANHA NAS GUERRAS EUROPEIAS; DA DECADÊNCIA DA MINERAÇÃO; DAS DIFICULDADES QUE

Leia mais

Gabarito das Questões do Módulo 5

Gabarito das Questões do Módulo 5 Gabarito das Questões do Módulo 5 2. De que maneira as inovações tecnológicas contribuem para o aumento do consumo? Quais as consequências ambientais deste aumento? Resposta O lançamento de produtos cada

Leia mais

SÉCULO XVII A INGLATERRA INCENTIVOU A COLONIZAÇÃO DAS TERRAS NORTE- AMERICANAS INCENTIVANDO A VINDA DE EMIGRANTES INGLESES

SÉCULO XVII A INGLATERRA INCENTIVOU A COLONIZAÇÃO DAS TERRAS NORTE- AMERICANAS INCENTIVANDO A VINDA DE EMIGRANTES INGLESES A GUERRA DE INDEPENDÊNCIA DOS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA ANTECEDENTES SÉCULO XVII A INGLATERRA INCENTIVOU A COLONIZAÇÃO DAS TERRAS NORTE- AMERICANAS INCENTIVANDO A VINDA DE EMIGRANTES INGLESES NESSA ÉPOCA

Leia mais

COMÉRCIO EXTERIOR. Causas da dívida Empréstimos internacionais para projetar e manter grandes obras. Aquisição de tecnologia e maquinário moderno.

COMÉRCIO EXTERIOR. Causas da dívida Empréstimos internacionais para projetar e manter grandes obras. Aquisição de tecnologia e maquinário moderno. 1. ASPECTOS GERAIS Comércio é um conceito que possui como significado prático, trocas, venda e compra de determinado produto. No início do desenvolvimento econômico, o comércio era efetuado através da

Leia mais

RESUMO PARA RECUPERAÇÃO 2º TRIMESTRE

RESUMO PARA RECUPERAÇÃO 2º TRIMESTRE RESUMO PARA RECUPERAÇÃO 2º TRIMESTRE Conceitos Diversos Estado É uma organização políticoadministrativa da sociedade. Estado-nação - Quando um território delimitado é composto de um governo e uma população

Leia mais

HISTÓRIA. Assinale a alternativa que preenche corretamente os parênteses da Coluna B, de cima para baixo.

HISTÓRIA. Assinale a alternativa que preenche corretamente os parênteses da Coluna B, de cima para baixo. HISTÓRIA 37 Associe as civilizações da Antigüidade Oriental, listadas na Coluna A, às características políticas que as identificam, indicadas na Coluna B. 1 2 3 4 COLUNA A Mesopotâmica Fenícia Egípcia

Leia mais

HISTÓRIA-2009 2ª FASE 2009

HISTÓRIA-2009 2ª FASE 2009 Questão 01 UFBA - -2009 2ª FASE 2009 Na Época Medieval, tanto no Oriente Médio, quanto no norte da África e na Península Ibérica, muçulmanos e judeus conviviam em relativa paz, fazendo comércio e expressando,

Leia mais

RESPOSTAS DAS SUGESTÕES DE AVALIAÇÃO GEOGRAFIA 9 o ANO

RESPOSTAS DAS SUGESTÕES DE AVALIAÇÃO GEOGRAFIA 9 o ANO RESPOSTAS DAS SUGESTÕES DE AVALIAÇÃO GEOGRAFIA 9 o ANO Unidade 7 1. (V) a maior parte do relevo africano é formada de planaltos elevados, sem variações significativas em seu modelado. (F) por ter formações

Leia mais

CRISE DO ESCRAVISMO. O Brasil foi o último país da América Latina a abolir a escravidão.

CRISE DO ESCRAVISMO. O Brasil foi o último país da América Latina a abolir a escravidão. CRISE DO ESCRAVISMO A Dinamarca foi o primeiro país Europeu a abolir o tráfico de escravos em 1792. A Grã-Bretanha veio a seguir, abolindo em 1807 e os Estados Unidos em 1808. O Brasil foi o último país

Leia mais

História. baseado nos Padrões Curriculares do Estado de São Paulo

História. baseado nos Padrões Curriculares do Estado de São Paulo História baseado nos Padrões Curriculares do Estado de São Paulo 1 PROPOSTA CURRICULAR DA DISCIPLINA DE HISTÓRIA Middle e High School 2 6 th Grade A vida na Grécia antiga: sociedade, vida cotidiana, mitos,

Leia mais

COLÉGIO VICENTINO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Rua Rui Barbosa, 1324, Toledo PR Fone: 3277-8150

COLÉGIO VICENTINO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Rua Rui Barbosa, 1324, Toledo PR Fone: 3277-8150 COLÉGIO VICENTINO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Rua Rui Barbosa, 1324, Toledo PR Fone: 3277-8150 PLANEJAMENTO ANUAL DE HISTÓRIA 8º ANO PROFESSOR: MÁRCIO AUGUSTO

Leia mais

CADERNO 1 BRASIL CAP. 3. Gabarito: EXERCÍCIOS DE SALA. Resposta da questão 1: [D]

CADERNO 1 BRASIL CAP. 3. Gabarito: EXERCÍCIOS DE SALA. Resposta da questão 1: [D] Gabarito: EXERCÍCIOS DE SALA Resposta da questão 1: Somente a proposição está correta. Com a expansão napoleônica na Europa e a invasão do exército Francês em Portugal ocorreu a vinda da corte portuguesa

Leia mais

AS ORIGENS DO SUBDESENVOLVIMENTO

AS ORIGENS DO SUBDESENVOLVIMENTO AS ORIGENS DO SUBDESENVOLVIMENTO 1. A TEORIA LIBERAL Os Países pobres são pobres porque não atingiram ainda a eficiência produtiva e o equilíbrio econômico necessário à manutenção de um ciclo de prosperidade

Leia mais

América Latina: Herança Colonial e Diversidade Cultural. Capítulo 38

América Latina: Herança Colonial e Diversidade Cultural. Capítulo 38 América Latina: Herança Colonial e Diversidade Cultural Capítulo 38 Expansão marítima européia; Mercantilismo (capitalismo comercial); Tratado de Tordesilhas (limites coloniais entre Portugal e Espanha):

Leia mais

A tendência do homem à mecanização, transformando as matérias-primas em bens úteis, gerando resíduos inúteis para o meio;

A tendência do homem à mecanização, transformando as matérias-primas em bens úteis, gerando resíduos inúteis para o meio; OS IMPACTOS AMBIENTAIS E A BIODIVERSIDADE 1 A poluição A introdução no meio ambiente de qualquer matéria ou energia que venha alterar as propriedades físicas, químicas ou biológica que afete a saúde das

Leia mais

Respostas das questões sobre as regiões do Brasil

Respostas das questões sobre as regiões do Brasil Respostas das questões sobre as regiões do Brasil Região Norte 1. Qual a diferença entre região Norte, Amazônia Legal e Amazônia Internacional? A região Norte é um conjunto de 7 estados e estes estados

Leia mais

OITAVO ANO ESINO FUNDAMENTAL II PROFESSORA: ROSE LIMA

OITAVO ANO ESINO FUNDAMENTAL II PROFESSORA: ROSE LIMA OITAVO ANO ESINO FUNDAMENTAL II PROFESSORA: ROSE LIMA http://plataformabrioli.xpg.uol.com.br/historiaresumo/2ano/epopeialusitana.pdf http://blog.msmacom.com.br/familia-real-portuguesa-quem-e-quem-na-monarquia/

Leia mais

Questão 57. Questão 59. Questão 58. alternativa D. alternativa C

Questão 57. Questão 59. Questão 58. alternativa D. alternativa C OBSERVAÇÃO (para todas as questões de Física): o valor da aceleração da gravidade na superfície da Terra é representada por g. Quando necessário adote: para g, o valor de 10 m/s 2 ; para a massa específica

Leia mais

Gabarito oficial preliminar: História

Gabarito oficial preliminar: História 1) Questão 1 Segundo José Bonifácio, o fim do tráfico de escravos significaria uma ameaça à existência do governo porque Geraria uma crise econômica decorrente da diminuição da mão de obra disponível,

Leia mais

Exerc ícios de Revisão Aluno(a): Nº:

Exerc ícios de Revisão Aluno(a): Nº: Exerc íciosde Revisão Aluno(a): Nº: Disciplina:HistóriadoBrasil Prof(a).:Cidney Data: deagostode2009 2ªSériedoEnsinoMédio Turma: Unidade:Nilópolis 01. QuerPortugallivreser, EmferrosqueroBrasil; promoveaguerracivil,

Leia mais

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 1ª PROVA SUBSTITUTIVA DE GEOGRAFIA

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 1ª PROVA SUBSTITUTIVA DE GEOGRAFIA COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2012 1ª PROVA SUBSTITUTIVA DE GEOGRAFIA Aluno(a): Nº Ano: 9º Turma: Data: / /2012 Nota: Professor(a): Edvaldo Valor da Prova: 65 pontos Orientações gerais: 1)

Leia mais

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2ª PROVA PARCIAL DE GEOGRAFIA Aluno(a): Nº Ano: 8º Turma: Data: 04/06/2011 Nota: Professor: Edvaldo Valor da Prova: 40 pontos Assinatura do responsável: Orientações

Leia mais

Nome: Turma: Data: Atividade de revisão para o Exame final. A Revolução Francesa (14/07/1789)

Nome: Turma: Data: Atividade de revisão para o Exame final. A Revolução Francesa (14/07/1789) Profª.: Lygia Mânica Costa 7ª série do E. Fundamental Nome: Turma: Data: Atividade de revisão para o Exame final A Revolução Francesa (14/07/1789) A situação social era grave e o nível de insatisfação

Leia mais

REVOLUÇÃO FRANCESA - Marco Histórico: Fim da Idade Moderna. Símbolo: Queda da Bastilha (1789). Lema: Liberdade, Fraternidade, Igualdade.

REVOLUÇÃO FRANCESA - Marco Histórico: Fim da Idade Moderna. Símbolo: Queda da Bastilha (1789). Lema: Liberdade, Fraternidade, Igualdade. REVOLUÇÃO FRANCESA REVOLUÇÃO FRANCESA - Marco Histórico: Fim da Idade Moderna. 1789 Símbolo: Queda da Bastilha (1789). Lema: Liberdade, Fraternidade, Igualdade. Influência: Iluminista. DIVISÃO SOCIAL 1º

Leia mais

EXERCÍCIOS ON LINE DE GEOGRAFIA 7º 2º TRI

EXERCÍCIOS ON LINE DE GEOGRAFIA 7º 2º TRI 1. Coloque V para verdadeiro e F para falso: EXERCÍCIOS ON LINE DE GEOGRAFIA 7º 2º TRI ( ) a população economicamente ativa compreende a parcela da população que está trabalhando ou procurando emprego.

Leia mais

2. (Pucrs 2014) Considere as afirmações abaixo sobre a crise do Antigo Sistema Colonial e a Independência do Brasil (1822).

2. (Pucrs 2014) Considere as afirmações abaixo sobre a crise do Antigo Sistema Colonial e a Independência do Brasil (1822). 1. (Enem 2014) A transferência da corte trouxe para a América portuguesa a família real e o governo da Metrópole. Trouxe também, e sobretudo, boa parte do aparato administrativo português. Personalidades

Leia mais

O candidato deverá demonstrar uma visão globalizante do processo transformacional

O candidato deverá demonstrar uma visão globalizante do processo transformacional CIÊNCIAS HUMANAS (HISTÓRIA/ATUALIDADES/GEOGRAFIA) O candidato deverá demonstrar uma visão globalizante do processo transformacional das sociedades através dos tempos, observando os fatores econômico, histórico,

Leia mais

A vinda da família real e o governo joanino no Brasil

A vinda da família real e o governo joanino no Brasil A vinda da família real e o governo joanino no Brasil A Europa no século XIX Napoleão realizou uma série de batalhas para a conquista de novos territórios para a França. O exército francês aumentou o número

Leia mais

Trabalho de história 3º tri Integrantes Frederico Strasser Nº:15 Diogo Amorim Nº:12 Guilherme Hasslocher Nº:19 Lucas Fuss Nº:28 Mateus Peres Nº:34

Trabalho de história 3º tri Integrantes Frederico Strasser Nº:15 Diogo Amorim Nº:12 Guilherme Hasslocher Nº:19 Lucas Fuss Nº:28 Mateus Peres Nº:34 Trabalho de história 3º tri Integrantes Frederico Strasser Nº:15 Diogo Amorim Nº:12 Guilherme Hasslocher Nº:19 Lucas Fuss Nº:28 Mateus Peres Nº:34 -Enquanto Buenos Aires se tornava mais poderosa, os lideres

Leia mais

01- O que é tempo atmosférico? R.: 02- O que é clima? R.:

01- O que é tempo atmosférico? R.: 02- O que é clima? R.: PROFESSOR: EQUIPE DE GEOGRAFIA BANCO DE QUESTÕES - GEOGRAFIA - 6º ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ============================================================================================= TEMPO ATMOSFÉRICO

Leia mais

Aula 4 A FOME NO MUNDO CONTEMPORÂNEO. Christian Jean-Marie Boudou

Aula 4 A FOME NO MUNDO CONTEMPORÂNEO. Christian Jean-Marie Boudou Aula 4 A FOME NO MUNDO CONTEMPORÂNEO OBJETIVOS Compreender a abordagem geográfica da fome; Discorrer sobre fome e desnutrição; Conhecer a problemática de má distribuição de renda e alimentos no Brasil

Leia mais

Economia e Sociedade Açucareira. Alan

Economia e Sociedade Açucareira. Alan Economia e Sociedade Açucareira Alan Características coloniais gerais Colônia de exploração Existência de Pacto Colonial Monopólio Economia de exportação de produtos tropicais Natureza predatória extrativista,

Leia mais

É o estudo do processo de produção, distribuição, circulação e consumo dos bens e serviços (riqueza).

É o estudo do processo de produção, distribuição, circulação e consumo dos bens e serviços (riqueza). GEOGRAFIA 7ª Série/Turma 75 Ensino Fundamental Prof. José Gusmão Nome: MATERIAL DE ESTUDOS PARA O EXAME FINAL A GEOGRAFIA DO MUNDO SUBDESENVOLVIDO A diferença entre os países que mais chama a atenção é

Leia mais

Conceito. são os diversos tipos de materiais ou processos dos quais se podem obter energia. Podem ser divididos em dois grandes grupos:

Conceito. são os diversos tipos de materiais ou processos dos quais se podem obter energia. Podem ser divididos em dois grandes grupos: Conceito são os diversos tipos de materiais ou processos dos quais se podem obter energia. Podem ser divididos em dois grandes grupos: Renováveis renovação em um curto período de tempo; Não renováveis

Leia mais

História da Educação. Pedagogia. - Período colonial brasileiro. Professor Edson Fasano

História da Educação. Pedagogia. - Período colonial brasileiro. Professor Edson Fasano Pedagogia Professor Edson Fasano História da Educação O Brasil cresceu isolado do mundo, apenas convivendo com aquele pobre e retrógrado Portugal que não permitiu a criação de um sistema escolar de ensino

Leia mais

PROCESSO DE INDEPENDÊNCIA DOS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA

PROCESSO DE INDEPENDÊNCIA DOS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA PROCESSO DE INDEPENDÊNCIA DOS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA TREZE COLÔNIAS Base de ocupação iniciativa privada: Companhias de colonização + Grupos de imigrantes = GRUPOS DISTINTOS [excedente da metrópole;

Leia mais

07. Alternativa c. Seja PABC a pirâmide regular, com as medidas indicadas. Tem-se:

07. Alternativa c. Seja PABC a pirâmide regular, com as medidas indicadas. Tem-se: + + = = = + = = = = = = 07. Alternativa c. Seja PABC a pirâmide regular, com as medidas indicadas. Tem-se: (1) PP'A: 4 = cos60º = 1 = () PABC é regular P' é baricentro y = y = () ABC é equilátero + y =

Leia mais

1ª QUESTÃO MÚLTIPLA ESCOLHA. 7,00 (sete) pontos distribuídos em 20 itens

1ª QUESTÃO MÚLTIPLA ESCOLHA. 7,00 (sete) pontos distribuídos em 20 itens PAG - 1 1ª QUESTÃO MÚLTIPLA ESCOLHA 7,00 (sete) pontos distribuídos em 20 itens Marque no cartão de respostas a única alternativa que responde de maneira correta ao pedido de cada item: PORTUGUÊS Considere

Leia mais

UNICAMP REVOLUÇÃO FRANCESA HISTÓRIA GEAL

UNICAMP REVOLUÇÃO FRANCESA HISTÓRIA GEAL 1. (Unicamp 94) Num panfleto publicado em 1789, um dos líderes da Revolução Francesa afirmava: "Devemos formular três perguntas: - O que é Terceiro Estado? Tudo. - O que tem ele sido em nosso sistema político?

Leia mais

Águas Continentais do Brasil. Capítulo 11

Águas Continentais do Brasil. Capítulo 11 Águas Continentais do Brasil Capítulo 11 As reservas brasileiras de água doce O Brasil é um país privilegiado pois detém cerca de 12% da água doce disponível no planeta; Há diversos problemas que preocupam:

Leia mais

VERIFICAÇÃO GLOBAL 4 HISTÓRIA 2ª ETAPA 7 a SÉRIE OLÍMPICA ENSINO FUNDAMENTAL

VERIFICAÇÃO GLOBAL 4 HISTÓRIA 2ª ETAPA 7 a SÉRIE OLÍMPICA ENSINO FUNDAMENTAL 1. Analise os quesitos a seguir e assinale, nos itens I e II, a única opção correta: (1,0 ponto) I. Observe a tirinha do Hagar e o texto de Alberto Caeiro: Da minha aldeia vejo quanto da terra se pode

Leia mais

Estudo Dirigido - RECUPERAÇÃO FINAL

Estudo Dirigido - RECUPERAÇÃO FINAL Educador: Luciola Santos C. Curricular: História Data: / /2013 Estudante: 7 Ano Estudo Dirigido - RECUPERAÇÃO FINAL 7º Ano Cap 1e 2 Feudalismo e Francos Cap 6 Mudanças no feudalismo Cap 7 Fortalecimento

Leia mais

ATENÇÃO ESTE CADERNO CONTÉM 10 (DEZ) QUESTÕES E RESPECTIVOS ESPAÇOS PARA RESPOSTAS. DURAÇÃO DA PROVA: 3 (TRÊS) HORAS

ATENÇÃO ESTE CADERNO CONTÉM 10 (DEZ) QUESTÕES E RESPECTIVOS ESPAÇOS PARA RESPOSTAS. DURAÇÃO DA PROVA: 3 (TRÊS) HORAS ATENÇÃO ESTE CADERNO CONTÉM 10 (DEZ) QUESTÕES E RESPECTIVOS ESPAÇOS PARA RESPOSTAS. DURAÇÃO DA PROVA: 3 (TRÊS) HORAS A correção de cada questão será restrita somente ao que estiver registrado no espaço

Leia mais

1) Analise os quadros a seguir:

1) Analise os quadros a seguir: 1) Analise os quadros a seguir: QUADRO 1 QUADRO 2 Marque a alternativa CORRETA: a) O fator responsável para explicar o quadro 1 é o aumento do processo migratório decorrente do processo de globalização.

Leia mais

IDADE CONTEMPORÂNEA (a partir de 1789)

IDADE CONTEMPORÂNEA (a partir de 1789) IDADE CONTEMPORÂNEA (a partir de 1789) ERA NAPOLEÔNICA (1799 1815) 1 - O CONSULADO (1799 1804): Pacificação interna e externa. Acordos de paz com países vizinhos. Acordo com a Igreja catolicismo oficial.

Leia mais