Informativo Nº 64 março e abril de 2010 Ano 10 Av. Pres. Vargas, nº 542 sala 412 Centro CEP Rio de Janeiro RJ.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Informativo Nº 64 março e abril de 2010 Ano 10 Av. Pres. Vargas, nº 542 sala 412 Centro CEP- 20071-901-Rio de Janeiro RJ."

Transcrição

1 1 Informativo Nº 64 março e abril de 2010 Ano 10 Av. Pres. Vargas, nº 542 sala 412 Centro CEP Rio de Janeiro RJ. Caros amigos aposentados e pensionistas. Informamos que foram reeleitos todos os Diretores e Conselheiros, para a gestão de 29 de março de 2010 a 28 de março de A eleição foi por aclamação, CHAPA ÚNICA. Após a A.G.O., foi realizada reunião geral, com a presença do presidente da AFABESP, Sr. Yoshimi Onishi, Sr. Alfredo Vaz, coordenador das AFABANS e 2º vice-presidente da AFABESP, o Diretor Operacional da CABESP, Sr. Jorge Ângelo Lawand, o Sr. Sergio Hirata, Diretor Administrativo eleito da CABESP, o presidente do SINFAB, Sr. Eros Antonio de Almeida, o presidente do BANESPREV, Dr. Jarbas Antonio de Biagi, o presidente e vice-presidente da ABESPREV, Srs. Nelson Ortigoza e Maury Roberto Moscateli, e os representantes do escritório de advocacia que patrocina nossas ações judiciais, no Rio de Janeiro, Drs. Bruno e Max. A titular do escritório, Dra. Ana Cristina de Lemos Santos, não compareceu, pois encontra-se em um congresso de Advogados Trabalhistas, em Havana, Cuba. Contamos ainda com a presença do presidente da AFABAN Juiz de Fora, Sr. MARCOS AURÉLIO CEDROLA, assim como de alguns associados daquela AFABAN. Foram 5 horas de Reunião e a presidente da AFABAN Rio de Janeiro combinou com o presidente da AFABAN Juiz de Fora que, as próximas reuniões poderão ser feitas em conjunto, a fim de beneficiar mais aposentados e pensionistas com informações, dada a importância dos temas abordados pelos INFORMATIVO convidados. Foi AFABAN uma grande RIO honra DE JANEIRO para todos Nº da 61 AFABAN novembro Rio de e dezembro. Janeiro receber 2009 os colegas da AFABAN Juiz de Fora e esperamos que isto se repita muitas vezes, já que muitos que se aposentaram Pesquisa e seleção de notícias: Celeste Viana no Rio de Janeiro começaram suas carreiras em Juiz de Fora, e outros começaram a trabalhar no Tiragem: BANESPA no 300 Rio cópias de Janeiro Distribuição e aposentaram interna em Juiz de e gratuita Fora, ou se aos mudaram associados para lá, depois de Av. aposentados. Pres. Vargas Existe 542 uma ligação sala 412 forte Centro entre as duas Rio AFABANS. de Janeiro RJ CEP Telefone: Telefax: Maria Celeste Mendonça Viana presidente Site: ==================================================================== afabanriodejaneiro DIRETORIA EXECUTIVA E CONSELHO FISCAL ELEITOS PARA O BIÊNIO Maria Celeste Mendonça Viana (Celeste Viana) Presidente Maria Luiza Araújo da Luz Vice-presidente José Ferlúcio Soares Diretor Secretário Roberto Leal Rosa 2ºDiretor Secretário Rubem Carlos Campos de Azevedo (ZUZA) 1ºDiretor Tesoureiro Ildison de Barros Abreu 2ºDiretor Tesoureiro Diretores nomeados BERNARDETE LEITIER Diretor Social Roberto Canellas Telles de Menezes Diretor de Comunicação CONSELHO FISCAL - EFETIVO Ailton Ladeira Martins Raimundo Gonçalves Arcângelo José da Cruz Alves CONSELHO FISCAL - SUPLENTE Eliza Messore Beleza Fagundes Neula Carvalho Da Fonseca Ester Hespanhol

2 2

3 3 BANESPREV REFORMA ESTATUTÁRIA 26/03/10 VOTOS: BANESPREV REFORMA ESTATUTÁRIA APURAÇÃO APURAÇÃO FINAL - HORA: 11H40M SIM... NÃO... BRANCOS... NULOS... TOTAIS... AFABESP DIRETORIA QTDE. % PLEBISCITO BANESPREV: AS URNAS FALARAM MAIS UMA VEZ 26/03/2010 O resultado final da apuração do Plebiscito que julgou as alterações estatutárias do Banesprev foi inequívoco ao apontar quais entidades merecem a credibilidade da comunidade banespiana. A proposta do SIM, apoiada pela Afabesp, Afabans, Sinfab e Abesprev foi aprovada por 60% dos votantes, mostrando claramente o seu acerto. Aqueles que preferiram o voto Não merecem nosso respeito, pois foram inoculados com a dúvida lançada por aqueles que defendiam essa posição. No entanto, fica uma verdade desse intenso debate: todos nós continuaremos a trabalhar pelo resgate e proteção dos nossos direitos conquistados ao longo de lutas árduas e no mais das vezes demoradas. Temos a certeza de que esta reforma, ao não alterar os REGULAMENTOS DOS PLANOS, não traz qualquer ameaça ou risco para ninguém, pois os direitos de cada participante estão previstos nos Regulamentos dos respectivos Planos. As alterações implicam em avanços que beneficiarão todos os participantes, pois a partir de agora os aposentados estarão em pé de igualdade com o pessoal da ativa podendo, se quiserem, candidatar-se aos cargos responsáveis pela direção da nossa entidade de Previdência Complementar. Poderão também exercer o direito de voto pelo correio, possibilitando que um número maior de colegas possam votar; além disso, serão criados Comitês Gestores para todos os planos, principalmente o Plano II, possibilitando que seus participantes possam fiscalizar diretamente as atividades do seu plano; diminuição de 10 para 5 anos no período de vínculo empregatício do pessoal da ativa para que possam concorrer aos cargos eletivos do Banesprev. Quanto ao quorum, entendemos ter sido plenamente atingido, devendo essa reforma ser rapidamente implantada pelo Banesprev, sob risco de se ver desrespeitada a voz dos participantes que saiu forte, clara e cristalina das urnas! Estão de parabéns todos aqueles que participaram desse processo, dando provas de que estamos e estaremos sempre presentes em todo e qualquer processo que seja do nosso interesse. Afabesp / Sinfab

4 4 DEPUTADO NELSON MARQUEZELLI COMUNICA A CENTENAS DE APOSENTADOS E PENSIONISTAS O PROTOCOLO DO PEDIDO DA CPI DO BANCO SANTANDER BANESPA. 09/03/2010 Cerca de 350 pessoas representando toda a liderança dos aposentados e pensionistas do antigo Banespa, hoje Banco Santander, recepcionaram o Dep.Marquezelli no Recanto Campestre Vinhedo da AFABESP. Em reunião coordenada pela AFABESP, na qual foram abordados diversos assuntos, o tema principal foi a comunicação oficial feita pelo Dep. Marquezelli de que foi protocolado no dia 23 de fevereiro o pedido de CPI destinado a investigar as irregularidades ocorridas durante o processo de privatização do Banespa, principalmente no que diz respeito ao desvio da finalidade dos títulos federais destinados a pagar as complementações do aposentados e seus respectivos reajustes. Essa investigação terá também como objetivo esclarecer a razão pela qual um montante de mais de 7 bilhões de reais foram transferidos ilicitamente para o Banco -continuação Santander e da não página para anterior o reajuste das aposentadorias e pensões dos seus funcionários. Ficou O Presidente claro para da Afabesp, todos que Yoshimi a partir Onishi de agora, e o Presidente por sua luta do ao Sinfab, nosso Eros lado, Almeida, o Dep. Marquezelli destacaram passa que essa integrar luta vem a nossa sendo Família travada Banespiana, há muito tempo merecendo e que há nosso 5 anos apoio, atrás respeito o Dep. Marquezelli, e consideração. ao iniciar sua jornada ao nosso lado, prometeu que se o Banco Como Santander palestrantes não corrigisse usaram o da injusto palavra congelamento o Presidente a do que Banesprev, submeteu Jarbas os aposentados, de Biaggi e o colheria renomado assinaturas jurista especializado e protocolaria em Direito um requerimento Previdenciário, de Dr. CPI Wladimir DO BANCO Novaes Martinez. SANTANDER BANESPA. Jarbas Lembraram discorreu ainda sobre que, a sob reforma a coordenação estatutária de do Marquezelli, Banesprev, foram esclarecendo realizadas não quase haver qualquer uma dezena risco de na reuniões sua aprovação de negociação e, sim, com avanços o Santander para sem a entidade que se e houvesse para os participantes. conseguido qualquer resultado positivo em virtude da intransigência do Banco. Destacou Marquezelli que fez consta uma longa do Estatuto explanação do Banesprev a respeito o do art. assunto, 62 garantindo afirmando os direitos que esse dos participantes, processo de investigação impedindo que está haja no prejuízo início e para que todos há muita e submetendo coisa ainda as por decisões fazer. verdadeiramente Relatou as dificuldades importantes e riscos à Assembléia. de retirada de assinaturas dos deputados que Estiveram aderiram à presentes CPI, dizendo à reunião, que há como um convidados, longo caminho o colega a ser Sérgio percorrido Hirata, e eleito que seu para o compromisso cargo de Diretor com Administrativo a correção das Cabesp, injustiças Ricardo cometidas Mitsouka pelo e Aderaldo Banco Santander Fandinho, ambos contra os Diretores aposentados Banesprev é irrevogável além e de que Julio continuará Higashino nessa atual luta Diretor até a solução Financeiro final. da Cabesp. Seu discurso foi recebido de forma extremamente otimista, consolidando assim sua imagem de político de palavra e que cumpre suas promessas. Afabesp Todos os - Diretoria oradores agradeceram o apoio e empenho que Marquezelli vem dando à nossa causa, desde quando era Presidente da Comissão de Trabalho da Câmara Federal, quando convocou uma Audiência Pública em Brasília à qual compareceram vários deputados federais e cerca de 500 aposentados mobilizados pela Afabesp. participantes. Dr. Wladimir analisou as reformas sob o ponto de vista jurídico, ministrando verdadeira aula sobre o Direito Previdenciário brasileiro e informando não haver nas propostas apresentadas nada que possa prejudicar os participantes. -continua na próxima página

5 5 COMUNICADO CABESP - 02 A CABESP comunica que enviou os kits para credenciamento dos abaixo relacionados, e, até o momento, os processos de credenciamento estão parados, por não terem enviado NENHUM DOCUMENTO. Pedimos aos colegas que indicaram os profissionais ou clínicas, abaixo, que entrem em contato com seus indicados e vejam o que está acontecendo e o motivo pelo qual o kit ainda não foi devolvido, com os documentos solicitados pela CABESP. 1. CLÍNICA ONCOVIDA - Oncologia / hematologia - BARRA MANSA - RJ. 2. RENATA MATOS DE OLIVEIRA - FISIOTERAPIA / RPG - NILÓPOLIS 3. FERNANDO SALES - ODONTOGERIATRA - NITERÓI 4. MÁRCIA TEIXEIRA VOLPINTESTA - FONOAUDIOLOGIA - NITERÓI 5. MÁRCIO DOMINGUES AYRES - CLÍNICA MÉDICA / FISIOTERAPIA / GERIATRIA - NOVA IGUAÇU 6. RODRIGO B. MESQUITA - PROCTOLOGIA - NOVA IGUAÇU - RJ. 7. ACVM- AÇÃO CRISTÃ VICENTI MORETTI-CLÍNICA MÉDICA /FISIOTERAPIA/HOMEOPATIA -RIO DE JANEIRO 8. BRONSTEIN MEDICINA DIAGNÓSTICA - PATOLOGIA CLÍNICA / ANATOMIA PATOLÓGICA / RADIODIAGNÓSTICO / TOMOGRAFIA / RESSONÂNCIA / ULTRASSONOGRAFIA - RIO DE JANEIRO 9. CLÍNICA DE ODONTOLOGIA - DUO SAÚDE E ESTÉTICA ORAL - ODONTOPEDIATRIA - RIO DE JANEIRO 10. CLÍNICA ODONTOLÓGICA ALAN RIVERA - PRONTO SOCORRO ODONTOLÓGICO - RIO DE JANEIRO 11. MARCO AURÉLIO NABUCO SERV. MÉDICOS - OFTALMOLOGIA E ENDOCRINOLOGIA- RIO DE JANEIRO 12. MÔNICA FÉLIX - PSICOLOGIA - RIO DE JANEIRO 13. TALITA MOTTA ACCIOLY - NUTRICIONISTA - RIO DE JANEIRO

6 6 Investigação Caso Bancoop: depoimentos acusam PT e Vaccari de desvio de dinheiro Publicada em 09/03/2010 às 23h34m Maria Lima e Leila Suwwan BRASÍLIA e SÃO PAULO - O inquérito policial que investiga o rombo de R$ 100 milhões na Bancoop - e o suposto abastecimento de campanhas petistas desde contém depoimentos com acusações ao partido e ao João Vaccari Neto, tesoureiro do PT e presidente licenciado da Bancoop. Testemunhas relatam que recursos eram sistematicamente desviados das construções, por meio de superfaturamentos, notas frias e arrecadações paralelas. Além disso, Vaccari é apontado como articulador do esquema e teria recebido envelopes de dinheiro da Bancoop em 2003 e Ele nega. " Luis Malheiros entregava envelopes a Vaccari Neto na sede do Sindicato dos Bancários " Relatório parcial da investigação, com depoimentos colhidos desde 2007, sugere que Vaccari estaria envolvido no esquema, como elo entre a Bancoop, o Sindicato dos Bancários e o PT. Segundo Andy Roberto Gurczynska, segurança particular do ex-dirigente da Bancoop Luis Malheiro, morto em acidente de carro em 2004, envelopes com quantias sacadas em dinheiro eram entregues a Vaccari. Gurczynska afirmou em janeiro de 2008 que seu chefe se encontrava com Vaccari Neto fora da sede da Bancoop. "Luís Malheiros determinava ao declarante que entregasse envelopes lacrados retirados do Banco Bradesco", diz um trecho do depoimento, que prossegue: "Sendo que o declarante então escoltava Luis Malheiro, que entregava tais envelopes a Vaccari Neto na sede do Sindicato dos Bancários". De acordo com Gurczynska, as reuniões aconteciam toda semana, entre 2003 e Após a morte de Malheiro, Gurczynska foi dispensado, e Vaccari Neto, que assumiu a presidência da Bancoop, contratou serviços de segurança da empresa Caso, de propriedade de Freud Godoy, um dos envolvidos no escândalo dos aloprados, quando petistas foram flagrados tentando comprar um falso dossiê contra tucanos. Uma mala com R$ 1,7 milhão, de origem desconhecida, foi apreendida. O MP investiga o pagamento de R$ 1,5 milhão da Bancoop à empresa de Godoy. Em outro depoimento, em maio de 2008, o irmão de Malheiro, Hélio, disse que a Bancoop abasteceu a campanha petista de 2002, sob promessa de ser beneficiada após a eleição de Luiz Inácio Lula da Silva. Hélio e sua mãe ingressaram no programa de proteção à testemunhas. PRESIDENTE DO PT DIZ, EM NOTA, QUE PARTIDO É ALVO DE ATAQUES Ele disse que seu irmão "tinha que ceder a pressões políticas e muitas vezes se via obrigado a entregar grandes montantes para as campanhas eleitorais do PT, desviando recursos da Bancoop". As pressões viriam de Vaccari, que à época presidia o Sindicato dos Bancários. - Estou investigando a Bancoop. Se seus dirigentes são ligados a um partido, não me importa qual, não muda nada. Ser político não estimula meu trabalho nem serve de salvo-conduto ao investigado - disse promotor José Carlos Blat. O presidente do PT, José Eduardo Dutra, em nota, afirmou que o partido é alvo de uma escalada de ataques caluniosos e que representará no Conselho Nacional do Ministério Público contra Blat. - continua na próxima página

7 7 O presidente do PT, José Eduardo Dutra, em nota, afirmou que o partido é alvo de uma escalada de ataques caluniosos e que representará no Conselho Nacional do Ministério Público contra Blat. A Assembleia de São Paulo instalou a CPI da Bancoop. O advogado da cooperativa, Flávio D'Urso, entrou com recurso para impedir a quebra de sigilo bancário de Vaccari de 2001 a O pedido foi feito pelo Ministério Público. Para D'Urso, o pedido extrapola o período da investigação, de 2003 a Oposição quer convocação de procurador na CCJ Em outra frente, senadores encaminharam nesta terça-feira à Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) requerimento pedindo a convocação de Blat. O senador Alvaro Dias (PSDB-PR) também apresentou requerimento na Mesa Diretora do Senado, pedimdo que seja solicitada ao Tribunal de Contas da União (TCU) auditoria nos recursos aplicados pelos fundos de pensão Previ (Caixa de Previdência dos Funcionários do Banco do Brasil), Funcef (Fundação dos Economiários Federais) e Petros (Fundação Petrobrás de Seguridade Social) para salvar a cooperativa de falência, em função de desvios, superfaturamento e uso de empresas de fachada. - Não vamos falar em CPI enquanto não terminar o governo Lula. Ele aprendeu como amordaçar e tratorar a minoria para impedir a investigação de falcatruas e ilegalidades do seu governo. E não é caso requentado, porque a investigação continua e envolve o tesoureiro do PT e da campanha da ministra Dilma. Mas agora ela diz que o Vaccari não será seu tesoureiro. Essa é uma estratégia delubiana - criticou Alvaro Dias, em referência a Delúbio Soares, ex-tesoureito do PT, envolvido no escândalo do mensalão e afastado do partido. Leia mais: Comando da campanha de Dilma reafirma que Vaccari não será seu tesoureiro PT acusa Ministério Público de agir de forma partidária na investigação da Bancoop MINISTÉRIO PÚBLICO QUEBRA SIGILO DE DIRIGENTES SINDICAIS 09/03/2010 A revista Veja dessa semana e o jornal O Estado de São Paulo de domingo, dia 07 e 09 desse mês, publicaram extensa reportagem sobre irregularidades observadas na Bancoop, cooperativa dedicada à construção de imóveis, patrocinada pelo Sindicato dos Bancários de São Paulo. Segundo a reportagem, o Ministério Público quebrou o sigilo bancário e telefônico de dois dirigentes sindicais do Sindicato dos Bancários de São Paulo, ligados à Afubesp, com a finalidade de esclarecer fatos potencialmente ilícitos ocorridos na Bancoop. Nessas reportagens são citados dois diretores do Sindicato dos Bancários de São Paulo, que tiveram papel preponderante na assinatura dos Acordos Coletivos que congelaram nossas complementações e salários do pessoal da ativa durante 6 anos: JOÃO VACCARI NETO e ANA MARIA ÉRNICA. As tiranias sempre se excedem nos símbolos de limpeza, pureza, assepsia e retidão morais.

8 8 Câncer de mama e do colo do útero: diagnóstico precoce pode levar a 100% de cura O câncer de mama é o segundo tipo de câncer mais frequente no mundo e o mais comum entre as mulheres, respondendo por 22% dos casos novos nesse grupo. Dia 8 de março, dia internacional da mulher. Que tal comemorar esta data cuidando mais de si mesma? Cuidando da saúde? Uma maneira de fazer isso é a prevenção de duas doenças que mais atingem as mulheres, o câncer de mama, que é o mais frequente e o câncer do colo do útero, que é o segundo mais comum, segundo o Inca (Instituto Nacional de Câncer). Agora, como fazer esta prevenção? É simples, mas exige seriedade. A médica Mirian Arakaki, presidente da Ultramedical Centro de Diagnósticos em Medicina, explica que em relação à mama, é muito importante que a mulher faça o auto-exame, independente da idade, e caso encontre alguma irregularidade no seio, como nódulo (caroço), deve procurar um médico imediatamente. A partir dos 40 anos toda mulher deve fazer a mamografia. Entre os 40 e 50 anos o exame deve ser feito a cada dois anos, já a partir dos 50 anos, o exame deve ser feito todo ano, complementa a médica. Quanto à prevenção do câncer do colo do útero, a médica explica que após a primeira relação sexual a mulher deve fazer o exame preventivo, o famoso Papanicolaou, uma vez por ano, caso não tenha nenhuma anormalidade. Caso haja alguma irregularidade o exame deve ser feito com mais freqüência, a cada seis meses. As mulheres adultas, (que já tenham 25 anos), virgens também devem fazer o exame, esclarece Mirian Arakaki. Fazer os exames regularmente é a chave para a cura dessas duas doenças pois, caso seja detectada uma dessas duas doenças em estágio inicial, a chance de cura pode chegar a 100%, aponta a médica. Dados do Inca - Câncer de mama O câncer de mama &eacut Senado aprova isenção de IR para aposentados com mais de 60 anos 3 de março de 2010 às 08:37 O Senado aprovou ontem a isenção da cobrança de Imposto de Renda para aposentados com mais de 60 anos que recebem benefício da Previdência Social. O projeto foi aprovado em caráter terminativo pela CAE (Comissão de Assuntos Econômicos), ou seja, não precisará ser apreciado em plenário, mas seguirá ainda para a Câmara dos Deputados. Atualmente, a regra já vale para quem tem mais de 65 anos. Pelo novo projeto, a isenção só será aplicada a quem ganha até R$ 1.434,59 e abrange rendimentos de aposentadorias e pensões. O projeto foi aprovado com duas emendas - uma alterando a redação e outra aumentando o limite de isenção, que originalmente era de R$ De acordo com o senador César Borges (PR-BA), autor do projeto, a intenção é auxiliar o idoso nas necessidades da terceira idade. Declaração - A Receita Federal recebeu ontem, primeiro dia de entrega, declarações do IRPF (Imposto de Renda Pessoa Física). De acordo com o órgão, foram realizados downloads do programa gerador e outros do programa de envio da declaração, o Receitanet. "Se meus inimigos pararem de dizer mentiras ao meu respeito, eu paro de dizer verdades a respeito deles..."

9 9

10 10

11 11

12 12

13 13 ANIVERSARIANTES ABRIL 2010 Jorge Braga Mendes 01/abr Oscar Porfirio de Souza 01/abr Ismar Mendonça de Azevedo 02/abr Maria Luiza Araujo da Luz 02/abr Walter Barbosa 03/abr Norma Hellé Machado Velho Soares 04/abr Jamil Abdo 0 06/abr Maria Thereza Neves da Silva 06/abr Egidio Bonora 08/abr Pedro Carvalhal de Freitas 10/abr Vilma Pires Quinellato 11/abr Arlete Borges Wright 13/abr Airone Moraes de Paiva 14/abr Carlos Alberto Moreira 14/abr Carlos Alberto Simões Marques 14/abr Suely Silva de Almeida 16/abr Gracy Rangel Miranda 18/abr Nelson Tavares Mello 18/abr Vera Lucia Motta Pompeu 21/abr Edson Alves 22/abr Maria Rodrigues Macedo 25/abr Ana Lucia Amaral da Silva 27/abr Geraldo Alves da Silva 28/abr José Roberto Raimundo 28/abr Márcio Lima 28/abr ANIVERSARIANTES MAIO 2010 José de Mattos Gomes 01/mai Elmo Melo de Britto 02/mai Luiz Affonso 02/mai Paulo Porto Magalhães 02/mai Léa de Oliveira da Silva Gil 03/mai Aricia Rodrigues de Carvalho 04/mai Carlos Gomes 04/mai Jorge Cândido Duarte 05/mai Victor Ribeiro Formiga 06/mai Rubens Argondizo Pinheiro 08/mai Mauricio de Oliveira Paranhos 13/mai Celina Lopes de Souza 14/mai Magda Vassalli Martins 14/mai Nanci Soares 14/mai Mariza Gomes de Carvalho 15/mai Waldemar de Oliveira Guimarães 15/mai Altair Valinoti 17/mai Wilson Bandeira da Costa 17/mai Rubem Carlos Campos de Azevedo 23/mai Alice Maria Lopes de Figueiredo 25/mai José Abib 28/mai Walkilque Martins Ferreira 29/mai Paulo Roberto da Costa Velho 30/mai Maria do Socorro Silva Collopy 31/mai Moacir Soares Manes 31/mai INFORMATIVO AFABAN RIO DE JANEIRO Nº 64 março e abril de 2010 Pesquisa e seleção de notícias: Celeste Viana Tiragem: 300 cópias Distribuição interna e gratuita aos associados Av. Pres. Vargas 542 sala 412 Centro Rio de Janeiro RJ CEP Telefone: Telefax: Site: FUNCIONAMENTO: terça, quarta e quinta-feira, das 14 às 17h. Atualize seu endereço, telefones, e fax, junto ao IMPOSTO DE RENDA, INSS, escritório da Dra. Ana Cristina de Lemos Santos e outros advogados onde tenha ações, AFABAN RIO DE JANEIRO, AFABESP, FAM, CABESP, BANESPREV, ABESPREV, BANESMÚTUO, SECRETARIA DA FAZENDA DE SÃO PAULO, CASO RECEBA COMPLEMENTAÇÃO ATRAVÉS DELA. Não esqueça de atualizar seus dados junto a Agência onde têm conta, aplicações e seguros. Deixe seus parentes a par de tudo, para o caso de adoecer ou ficar impossibilitado de se comunicar, de imediato.

14 14 Estudo feito na Faculdade de Medicina da USP aponta alta prevalência de HPV-16, que causa câncer cervical em mulheres, em homens portadores do vírus da Aids (ilust.: Un.Leiden) Dupla infecção 11/3/2010 Por Alex Sander Alcântara Agência FAPESP Ao examinar homens infectados com HIV-1 (um dos vírus da imunodeficiência humana, causador da Aids), pesquisadores da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP) e do Instituto de Medicina Tropical de São Paulo da USP detectaram que cerca de 30% dos pacientes apresentaram resultado positivo para HPV-16 (papilomavírus humano), responsável por cerca de 80% dos casos de câncer cervical nas mulheres. O objetivo do estudo, publicado no Journal of Medical Virology, foi determinar a prevalência de HPV dos tipos 16, 18, 6 e 11 em amostras de urina de homens infectados pelo HIV-1. Existem mais de 200 tipos diferentes de vírus de HPV, que são classificados como de baixo e de alto risco de causar câncer. O que mais chama a atenção no estudo foi a identificação de uma alta prevalência em homens, que normalmente não apresentam os sintomas. E o mais preocupante é que quase um terço deles 31,9% apresentaram resultado positivo para o HPV-16, disse Jorge Simão do Rosário Casseb, professor do Instituto de Medicina Tropical da FMUSP, à Agência FAPESP. O estudo, intitulado Avaliação da diversidade genética da região longa de controle (LCR) e L1 dos tipos 6,11,16 e 18 do vírus papilomavirus humano (HPV) em homens infectados pelo HIV-1, teve apoio da FAPESP na modalidade Auxílio à Pesquisa Regular. O trabalho investigou 223 homens, entre março de 2006 e abril de 2008, infectados pelo HIV-1 e que foram atendidos no Serviço de Doenças Sexualmente Transmissíveis do Departamento de Dermatologia do Hospital das Clínicas da FMUSP e no Centro de Referência e Treinamento em DST/Aids. Do total, 81% dos pacientes usavam o coquetel anti-aids baseado no antirretroviral HAART (Highly Active AntiRetroviral Treatment, em inglês). Para a análise, foi utilizada a urina dos pacientes. Casseb destaca que o método de análise a partir da urina é um dos resultados importantes do estudo. Como os pacientes não apresentavam lesões nos genitais, a urina se mostrou um exame útil e confiável para a detecção de HPV. É de fácil obtenção por não ser uma técnica invasiva e também pode ser estendido às mulheres, diz Casseb. Os resultados do estudo indicam que 18 pacientes (26,5%) apresentaram o DNA para o HPV-11, quatro (5,8%) para o HPV-6, cinco (7,2%) para o HPV-18 e 20 pacientes (29%) apresentaram DNA de algum tipo de HPV que não estavam nos objetivos propostos da pesquisa. Os HPVs 6 e 11 estão relacionados a verrugas benignas. Um dos achados aponta que os pacientes coinfectados (HIV/HPV) apresentaram carga viral menor em relação aos que foram contaminados somente com HIV. Ou seja, com o uso da HAART, muitos pacientes apresentavam alto número de células TCD4+ e baixa carga viral de HIV. Os pesquisadores não chegaram a uma conclusão sobre esse achado. Esse dado poderia ser confirmado com uma diferença estatística significativa em relação ao uso de antirretrovirais, mas não houve dados conclusivos em relação a isso, disse Casseb. - CONTINUA NA PRÓXIMA PÁGINA

15 15 - CONTINUAÇÃO DA PÁGINA ANTERIOR Os pesquisadores não chegaram a uma conclusão sobre esse achado. Esse dado poderia ser confirmado com uma diferença estatística significativa em relação ao uso de antirretrovirais, mas não houve dados conclusivos em relação a isso, disse Casseb. Ele conta que o grupo pretende ampliar o estudo para avaliar esse dado específico. Uma das hipóteses, segundo ele, é que nos pacientes coinfectados que apresentaram significativa carga viral menor em relação àqueles que não estavam infectados pelo HPV o resultado pode indicar que o grupo apresentava maior adesão ao tratamento com coquetel e, consequentemente, melhor qualidade de vida. Atualmente, existem duas vacinas que imunizam contra os vírus 6, 11, 16 e 18 cuja eficácia, segundo Casseb, é de mais de 90%. Homens e mulheres Os homens são um importante reservatório de HPV e os principais responsáveis pela transmissão às suas parceiras. Mas os sintomas da doença no público masculino são, na maioria dos casos, assintomáticos. A grande maioria dos participantes na pesquisa era homossexual. Os coinfectados relataram não usar sempre o preservativo na relação oral como ativo, que é a forma mais recorrente de transmissão nesse grupo, disse Casseb. O risco de desenvolver câncer, segundo ele, atinge tanto homens como mulheres, mas elas são mais suscetíveis e podem desenvolver tumores malignos na região genital ou, mais raramente, na boca e no nariz. No caso dos homens, não sabemos ainda o local onde há o risco, se na bexiga ou em outra parte do trato urinário. Mas um dado interessante é que somente em homossexuais masculinos que têm HIV há uma incidência maior de câncer no pênis e no ânus, contou. Assim como nas mulheres, que fazem prevenção por meio do exame de Papanicolau para detectar o HPV, já existem estudos que defendem que homens com perfil que possa ser considerado de risco façam um exame parecido, no caso, no ânus. Em São Francisco e em Nova York, nos Estados Unidos, há alguns estudos que indicam que o Papanicolau para os homens pode ser útil na detecção do HPV, disse Casseb. O professor da FMUSP conta que o estudo terá continuidade. A ideia é repetir o exame já realizado nos mesmo pacientes por quatro meses, para poder avaliar se o vírus está presente ou não na urina. Os próximos passos serão a realização de exames imunológicos com os portadores de HPV/HIV e comparar com os não portadores para avaliar se têm uma resposta imunológica diferente, disse. Outra frente, segundo Casseb, pretende investigar se esses homens estão disseminando os vírus de outra forma, que não somente pela relação sexual. O pesquisador destaca que uma das questões que o estudo traz como novidade é a possibilidade de analisar o HPV em mulheres por meio da urina. Como não é um método invasivo, poderíamos utilizálo futuramente como exame adicional. Mas isso não fez parte de nosso estudo, disse. O estudo também faz parte da dissertação de mestrado de Fernando Costa, com bolsa FAPESP, e contou com a participação do urologista Roberto Carvalho da Silva, do Centro de Referência e Treinamento em DST/AIDS de São Paulo. O artigo Prevalence of human papillomaviruses in urine samples of male patients infected with HIV-1 in Sao Paulo, de Jorge Casseb e outros, pode ser lido em www3.interscience.wiley.com/cgi-bin/fulltext/ /pdfstart.

16 16 TESTAMENTO DE UM IDOSO COM ALZHEIMER... "Junto com meu testamento, no qual lego a meus filhos e amigos a minha vontade de viver, faço um pedido: se, por ventura, no meu cérebro a senilidade penetrar sorrateiramente, a demência se infiltrar inesperadamente e o esquecimento, a falta de lucidez e a confusão se instalarem, por favor, lembrem que:. eventualmente, ainda tenho uma vaga idéia de minha identidade.. gosto de ser chamada pelo meu nome, aquele que meus pais me deram.. posso ainda saber onde estou e com quem estou.. posso estar gostando ou não de onde estou e com quem estou.. faço ainda questão de usar aquele tipo de sapato que toda a minha vida usei.. gosto ainda de usar a roupa ao estilo que sempre preferi.. a roupa dos outros colocada em mim me entristece.. a falta de atenção em me ajudar na higiene pessoal me traz ansiedade.. a comida de um estilo que não conheço não me apetece.. as fraldas de vez em quando me incomodam e me deixam envergonhado.. gostaria, às vezes, de caminhar para espairecer e ver a natureza.. receber uma palavrinha me faz lembrar que sou gente.. receber visitas me faz lembrar que ainda sou importante.. receber um abraço e um beijo me diz que alguém ainda tem afeto por mim.. a falta de sono não é proposital, nem intencional.. a falta de interesse está além do meu controle.. minha falta de jeito é inexplicável para mim mesmo.. o esquecimento me deixa traumatizado.. tenho dores que às vezes não posso contar.. nem sempre o que me fazem fazer é o que eu gostaria de estar fazendo.. meu olhar vago não reflete o que sinto.. e se não dou um abraço é porque os meus braços não me obedecem mais.. se não dou um beijo é porque meus lábios não sabem mais o que fazer.. se não te digo que valorizo sua dedicação e seu amor é porque a ponte se partiu e perdi o caminho que me levaria a compartilhar meus sentimentos com você." ( Do livro Doença de Alzheimer - Vivências e Cuidados de Lilian Alicke) O Mal de Alzheimer, ou Doença de Alzheimer ou simplesmente Alzheimer é a forma mais comum de demência. Esta doença degenerativa, até o momento incurável e terminal foi descrita pela primeira vez em 1906 pelo psiquiatra alemão Alois Alzheimer, de quem herdou o nome. Esta doença afeta geralmente pessoas acima dos 65 anos, embora o seu diagnóstico seja possível também em pessoas mais novas do que esta idade. Cada paciente de Alzheimer sofre a doença de forma única mas existem pontos em comum, por exemplo o sintoma primário mais comum é a perda de memória. Os primeiros sintomas são confundidos com problemas de idade ou de stress. Quando é suspeitado Alzheimer o paciente é submetido a uma série de testes cognitivos. Com o avançar da doença vão aparecendo novos sintomas como confusão, irritabilidade e agressividade, alterações de humor, falhas na linguagem, perda de memória a longo prazo e o paciente começa a desligar-se da realidade. As suas funções motoras começam a perder-se e o paciente acaba por morrer. Antes de se tornar totalmente aparente o Alzheimer vai-se desenvolvendo por um período indeterminado de tempo e pode manter-se invisível durante anos. Calendário de Vacinação Gripe Suína 2010 A influenza H1N1 mais conhecida por muitas pessoas como gripe suína é uma gripe que esta fazendo varias vitimas no mundo inteiro, o vírus tinha sumido por um tempo, mas infelizmente ele esta de volta e já esta fazendo algumas vitimas em alguns paises, no Brasil esta sendo distribuídos algumas vacinas para evitar o vírus, é sempre bom todas as pessoas estar sempre com as mãos limpas, pois com as mãos nós tocamos em varias coisas. Procure não espirar e nem tossir em direção de outra pessoa, evite utilizar os mesmos objetos pessoais com outras pessoas, evite ficar em um lugar que tenha muitas pessoas no mesmo local esses cuidados bem simples que pode evitar que você pegue o vírus, todos temos que tomar muito cuidado, pois é uma gripe que mata, então tome todos os cuidados necessários para que você não pegue a gripe suína. Veja em baixo o calendário das vacinas. Dia 08 de Março a 19 de Março - Profissionais de Saúde e Indígenas Dia 22 de Março a 21 de Maio - Gestantes. Dia 22 de Março a 02 de Abril - Doentes Crônicos, exceto idosos e crianças de 06 meses a 02 anos. Dia 05 de Abril a 23 de Abril - Jovens de 20 a 29 anos. Dia 24 de Abril a 07 de Maio - Idosos com mais de 60 anos com doenças crônicas. Dia 10 de Maio a 21 de Maio - Pessoas de 30 a 39 anos.

17 17 As principais doenças que acometem a próstata são: Hipertrofia Benigna da Próstata (HPB) que representa o crescimento de um adenoma (tumor benigno), em uma das partes da glândula; Processos inflamatórios e infecciosos - as chamados prostatites; Câncer da Próstata. A próstata é uma glândula masculina, que pesa cerca de 20 gramas, e secreta fluidos que compõem parte do sêmen. Localiza-se logo abaixo da bexiga, envolvendo uma parte da uretra. Hipertrofia Benigna da Próstata (HPB): É a doença mais comum do homem. Representa o crescimento nodular de uma das regiões da próstata. Sua incidência aumenta progressivamente com a idade, ocorrendo em 40 % dos homens a partir dos 50 anos e em 90 % daqueles com 80 anos. O crescimento da próstata comprime a uretra, causando obstrução mecânica ao fluxo da urina, o que leva à dificuldade para urinar. A urina estagnada na bexiga favorece o surgimento de infecção urinária e formação de cálculos. O esforço para urinar, em conseqüência da obstrução ao fluxo urinário, aumenta a pressão no interior da bexiga e provoca o aumento de suas camadas musculares. O aumento da pressão dentro da bexiga se transmite aos ureteres e aos rins, podendo levar à doença chamada hidronefrose e culminar com um quadro de insuficiência renal. Os sintomas da Hipertrofia Benigna da Próstata podem ser divididos em dois grandes grupos: Sintomas Obstrutivos, decorrentes da obstrução ao fluxo urinário, tais como: diminuição da força do jato urinário; esforço para urinar; interrupção do jato durante a micção; gotejamento; sensação de esvaziamento incompleto da bexiga. Sintomas Irritativos, devidos à irritabilidade da bexiga : urgência para urinar; dor no baixo ventre; diversas nicções noturnas; diversas micções, em um curto espaço de tempo, com saída de pequena quantidade de urina em cada uma delas. Também pode ocorrer sangramento junto com a urina e infecção urinária. No Exame Físico, é imprescindível o Toque Retal que fornece informações sobre o volume, consistência, presença de irregularidades, limites, sensibilidade e mobilidade da próstata. O Exame de Urina evidencia a presença de sangramento e/ou infecções. Exames de Sangue, tais como: uréia e creatinina, permitem avaliar o comprometimento da função renal. A dosagem do PSA (uma proteína chamada Antígeno Prostático Específico) é importante para a exclusão de possíveis tumores malígnos da próstata. A Ultra-sonografia permite avaliar a forma e a densidade da próstata, bem como a presença de resíduo elevado de urina na bexiga, após a micção. A Urografia Excretora tem sua indicação quando ocorrer sangramento na urina e como complemento para melhor avaliação de alterações observadas na ultra-sonografia. Quando necessário podem ser realizados ainda: Uretrocistografia - exame radiológico, com introdução de contraste através da uretra. Uretrocistoscopia - exame que permite a visão da uretra e bexiga, através de instrumentos óticos introduzidos pela uretra. Biópsia da Próstata - coleta de fragmentos do tecido prostático, através de punção trans-retal. Estudo Urodinâmico - avaliação das contrações da bexiga e alterações do fluxo urinário durante a micção. O tratamento da HPB pode ser clínico ou cirúrgico. A seleção do tratamento é feita tendo em vista as condições clínicas do paciente, os danos causados ao aparelho urinário e a gravidade dos sintomas. Pacientes com sintomas leves e sem complicações devem ser observados, com acompanhamento anual. Nos pacientes com sintomas moderados está indicado o tratamento medicamentoso. Em pacientes com sintomas graves, o tratamento cirúrgico é a opção recomendada. O tratamento cirúrgico padrão da obstrução do fluxo urinário por HPB é a chamada ressecção transuretral da próstata ou a prostatectomia supra-púbica. - CONTINUA NA PRÓXIMA PÁGINA -

18 18 O tratamento cirúrgico padrão da obstrução do fluxo urinário por HPB é a chamada ressecção transuretral da próstata ou a prostatectomia supra-púbica. O tratamento cirúrgico está indicado quando ocorrer: Retenção urinária persistente e refratária ao tratamento clínico. Infecções urinárias freqüentes. Sintomas clínicos graves. Dilatação do sistema urinário. Sangramento urinário persistente. Associação de cálculos ou divertículos na bexiga. Ressecção Trans-uretral da Próstata (RTUP): consiste na retirada de fragmentos do tecido prostático, através de instrumental introduzido pela uretra, desobstruíndo o fluxo urinário. Sendo menos traumática que a cirurgia aberta, propiciando menor tempo de hospitalização e recuperação mais rápida do paciente, é o método de preferência para o tratamento cirúrgico da HPB. Prostatectomia Supra-púbica: trata-se de cirurgia aberta, onde a retirada do adenoma da próstata é realizado através de uma abertura feita na bexiga. As indicações da prostatectomia supra-púbica são as seguintes: Próstatas muito volumosas ( acima de g ). Presença de divertículos ou cálculos na bexiga. Estenose uretral extensa. Problemas ortopédicos que impossibilitem a colocação do paciente na posição adequada para a RTUP. Câncer de Próstata A freqüência do câncer de próstata aumentou de forma explosiva nos últimos anos, representando, atualmente, o câncer que mais freqüentemente acomete o homem. Sua incidência aumenta com a idade atingindo quase 50 % dos indivíduos com 80 anos. Todavia, sua evolução é lenta e a grande maioria de seus portadores, provavelmente, virão a falecer de outros motivos que não o câncer de próstata. A busca do diagnóstico precoce, visando um tratamento curativo, assume fundamental importância e deve ser realizada através de exame preventivo, anual, em todos os homens a partir de 45 anos de idade, independente de apresentarem ou não sintomas. Naqueles que possuem história de incidência de câncer de próstata na família, o exame preventivo deverá ser iniciado aos 40 anos. Detecção do Carcinoma Prostático: Toque retal - O exame digital da próstata é o método mais antigo, mais barato e ainda o mais usado para levantar suspeitas de câncer de próstata. Dosagem do Antígeno Prostático Específico (PSA) - O PSA é uma proteína secretada pela próstata. O aumento da taxa de PSA no sangue, excluídas as causas benignas desse aumento, pode indicar a presença de câncer de próstata. Elevações extremamente expressivas sugerem o comprometimento metastático do tumor. As causas benignas de aumento do PSA são: Hipertrofia prostática benigna. Massagem prostática recente. Prostatite. Retenção aguda de urina. Biópsia prostática por agulha. Ressecção trans-uretral da próstata. Ultra-sonografia da Próstata é um exame ultrassonográfico da próstata, que pode evidenciar o aumento de volume da mesma, alterações de sua consistência e a presença de nódulos. A Ultra-sonografia trans-retal permite uma avaliação mais acurada da próstata. Biópsia é a coleta de fragmentos do tecido prostático, através de punção por uma agulha especial, confirma o diagnóstico da lesão. O tratamento do câncer de próstata varia de acordo com o tipo de tumor e estágio em que foi diagnosticada a doença. As diversas possibilidades de tratamento, mais adequadas para cada caso, devem ser discutidas entre médicos e pacientes e compreendem: Prostatectomia radical - retirada cirúrgica de toda a próstata e tecidos linfáticos adjacentes. Bloqueio hormonal - o crescimento do tumor é contido através de terapia medicamentosa. Orquiectomia - o crescimento do tumor é contido através do efeito hormonal provocado pela retirada dos testículos. Radioterapia - está indicada em determinados casos.

III EGEPUB/COPPE/UFRJ

III EGEPUB/COPPE/UFRJ Luiz Otávio Zahar III EGEPUB/COPPE/UFRJ 27/11/2014 O que é a próstata? A próstata é uma glândula pequena que fica abaixo da bexiga e envolve o tubo (chamado uretra) pelo qual passam a urina e o sêmen.

Leia mais

Porque se cuidar é coisa de homem. Saúde do homem

Porque se cuidar é coisa de homem. Saúde do homem Porque se cuidar é coisa de homem. Saúde do homem SAÚDE DO HOMEM Por preconceito, muitos homens ainda resistem em procurar orientação médica ou submeter-se a exames preventivos, principalmente os de

Leia mais

O Câncer de Próstata. O que é a Próstata

O Câncer de Próstata. O que é a Próstata O Câncer de Próstata O câncer de próstata é o segundo tumor mais comum no sexo masculino, acometendo um em cada seis homens. Se descoberto no início, as chances de cura são de 95%. O que é a Próstata A

Leia mais

DOENÇAS DA PRÓSTATA. Prof. João Batista de Cerqueira Adjunto DSAU - UEFS

DOENÇAS DA PRÓSTATA. Prof. João Batista de Cerqueira Adjunto DSAU - UEFS DOENÇAS DA PRÓSTATA Prof. João Batista de Cerqueira Adjunto DSAU - UEFS O QUE É A PRÓSTATA? A próstata é uma glândula que tem o tamanho de uma noz, e se localiza abaixo da bexiga, envolvendo a uretra masculina.

Leia mais

PATOLOGIAS DA PRÓSTATA. Prostata

PATOLOGIAS DA PRÓSTATA. Prostata AULA PREPARADA POR: PATOLOGIAS DA PRÓSTATA Prostata A próstata é um órgão interno que só o homem possui; tem a forma de uma maçã muito pequena, e fica logo abaixo da bexiga. ANATOMIA Tem o tamanho aproximado

Leia mais

PREVINA O CÂNCER DO COLO DO ÚTERO

PREVINA O CÂNCER DO COLO DO ÚTERO SENADO FEDERAL PREVINA O CÂNCER DO COLO DO ÚTERO SENADOR CLÉSIO ANDRADE 2 Previna o câncer do colo do útero apresentação O câncer do colo do útero continua matando muitas mulheres. Especialmente no Brasil,

Leia mais

Papilomavírus Humano HPV

Papilomavírus Humano HPV Papilomavírus Humano HPV -BIOLOGIA- Alunos: André Aroeira, Antonio Lopes, Carlos Eduardo Rozário, João Marcos Fagundes, João Paulo Sobral e Hélio Gastão Prof.: Fragoso 1º Ano E.M. T. 13 Agente Causador

Leia mais

Câncer de Próstata. Fernando Magioni Enfermeiro do Trabalho

Câncer de Próstata. Fernando Magioni Enfermeiro do Trabalho Câncer de Próstata Fernando Magioni Enfermeiro do Trabalho O que é próstata? A próstata é uma glândula que só o homem possui e que se localiza na parte baixa do abdômen. Ela é um órgão muito pequeno, tem

Leia mais

CPMG- SGT NADER ALVES DOS SANTOS CÂNCER DE PRÓSTATA PROF.WEBER

CPMG- SGT NADER ALVES DOS SANTOS CÂNCER DE PRÓSTATA PROF.WEBER CPMG- SGT NADER ALVES DOS SANTOS CÂNCER DE PRÓSTATA PROF.WEBER Próstata Sobre o Câncer Sintomas Diagnóstico e exame Tratamento Recomendações O QUE É A PRÓSTATA? A próstata é uma glândula que tem o tamanho

Leia mais

DOENÇAS DA PRÓSTATA. P/ Edison Flávio Martins

DOENÇAS DA PRÓSTATA. P/ Edison Flávio Martins DOENÇAS DA PRÓSTATA P/ Edison Flávio Martins PRÓSTATA NORMAL Peso: 15 a 20 gr Localização: Abaixo da bexiga Atravessada pela uretra Função: Reprodutiva DOENÇAS DA PRÓSTATA Infecção: Prostatite aguda e

Leia mais

-Os Papiloma Vírus Humanos (HPV) são vírus da família Papovaviridae.

-Os Papiloma Vírus Humanos (HPV) são vírus da família Papovaviridae. -Os Papiloma Vírus Humanos (HPV) são vírus da família Papovaviridae. -Chamado de HPV, aparece na forma de doenças como condiloma acuminado, verruga genital ou crista de galo. -Há mais de 200 subtipos do

Leia mais

Vamos falar sobre câncer?

Vamos falar sobre câncer? Vamos falar sobre câncer? O SIEMACO sempre está ao lado dos trabalhadores, seja na luta por melhores condições de trabalho, lazer e educação ou na manutenção da saúde, visando a promoção e ascensão social.

Leia mais

PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL PARA O TRABALHO EM SAÚDE PET / SVS MS NOVEMBRO AZUL

PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL PARA O TRABALHO EM SAÚDE PET / SVS MS NOVEMBRO AZUL Universidade Federal do Acre Centro de Ciências da Saúde e do Desporto PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL PARA O TRABALHO EM SAÚDE PET / SVS MS PROF. DR. CRESO MACHADO LOPES Tutor NOVEMBRO AZUL CAMPANHA DE

Leia mais

O que é câncer de mama?

O que é câncer de mama? Câncer de Mama O que é câncer de mama? O câncer de mama é a doença em que as células normais da mama começam a se modificar, multiplicando-se sem controle e deixando de morrer, formando uma massa de células

Leia mais

Prevenção em dobro. Eixo de Prevenção do Câncer ganha segunda Unidade Móvel CAPA

Prevenção em dobro. Eixo de Prevenção do Câncer ganha segunda Unidade Móvel CAPA Prevenção em dobro Eixo de Prevenção do Câncer ganha segunda Unidade Móvel O eixo de Prevenção do Câncer do Programa Cuide-se+ acaba de ganhar um importante reforço no atendimento aos trabalhadores das

Leia mais

DIAGNÓSTICO MÉDICO DADOS EPIDEMIOLÓGICOS FATORES DE RISCO FATORES DE RISCO 01/05/2015

DIAGNÓSTICO MÉDICO DADOS EPIDEMIOLÓGICOS FATORES DE RISCO FATORES DE RISCO 01/05/2015 01/05/2015 CÂNCER UTERINO É o câncer que se forma no colo do útero. Nessa parte, há células que podem CÂNCER CERVICAL se modificar produzindo um câncer. Em geral, é um câncer de crescimento lento, e pode

Leia mais

TRATAMENTO DAS DOENÇAS DA PRÓSTATA

TRATAMENTO DAS DOENÇAS DA PRÓSTATA TRATAMENTO DAS DOENÇAS DA PRÓSTATA.com.br Dr. Miguel Srougi é médico, professor de Urologia na Universidade Federal de São Paulo e autor do livro Próstata: Isso É Com Você..com.br Drauzio Varella Vamos

Leia mais

VAMOS FALAR SOBRE. AIDS + DSTs

VAMOS FALAR SOBRE. AIDS + DSTs VAMOS FALAR SOBRE AIDS + DSTs AIDS A AIDS (Síndrome da Imunodeficiência Adquirida) atinge indiscriminadamente homens e mulheres e tem assumido proporções assustadoras desde a notificação dos primeiros

Leia mais

é a vez dos homens câncer.

é a vez dos homens câncer. Agora é a vez dos homens falarem sobre câncer. Agora é a vez dos homens falarem sobre câncer Uma publicação do SIEMACO Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Prestação de Serviços de Asseio e Conservação

Leia mais

Arquivo criado por RH VIDA. Entendendo ser importante, solicitamos e conseguimos autorização para sua divulgação.

Arquivo criado por RH VIDA. Entendendo ser importante, solicitamos e conseguimos autorização para sua divulgação. Arquivo criado por RH VIDA. Entendendo ser importante, solicitamos e conseguimos autorização para sua divulgação. Academia Snooker Clube Sorocaba - SP Paulo Dirceu Dias www.snookerclube.com.br paulodias@pdias.com.br

Leia mais

FINASTEC. (finasterida)

FINASTEC. (finasterida) FINASTEC (finasterida) Brainfarma Indústria Química e Farmacêutica S.A. Comprimido revestido 5mg I - IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO: FINASTEC finasterida APRESENTAÇÃO Comprimido revestido de 5mg Embalagem

Leia mais

Azul. Novembro. cosbem. Mergulhe nessa onda! A cor da coragem é azul. Mês de Conscientização, Preveção e Combate ao Câncer De Próstata.

Azul. Novembro. cosbem. Mergulhe nessa onda! A cor da coragem é azul. Mês de Conscientização, Preveção e Combate ao Câncer De Próstata. cosbem COORDENAÇÃO DE SAÚDE E BEM-ESTAR Novembro Azul Mês de Conscientização, Preveção e Combate ao Câncer De Próstata. Mergulhe nessa onda! A cor da coragem é azul. NOVEMBRO AZUL Mês de Conscientização,

Leia mais

PROJETO DE LEI No, DE 2009

PROJETO DE LEI No, DE 2009 PROJETO DE LEI No, DE 2009 (DO SR. CAPITÃO ASSUMÇÃO) Dispõe sobre a imunização de mulheres com a vacina contra o papilomavírus humano (HPV), na rede pública do Sistema Único de Saúde de todos os estados

Leia mais

Viva Bem! Cuide da Sua Saúde!

Viva Bem! Cuide da Sua Saúde! Viva Bem! Cuide da Sua Saúde! O Serviço Social da Construção Alimentação Saudável Quanto mais colorida for a sua alimentação, maior a presença de nutrientes no seu corpo e melhor será a sua saúde. 50%

Leia mais

www.rhvida.com.br Copyright RHVIDA S/C Ltda.

www.rhvida.com.br Copyright RHVIDA S/C Ltda. A próstata é uma glândula que só existe no homem. Tem como função produzir substâncias que vão ajudar a tornar o sêmen mais fluido, facilitando a viagem dos espermatozóides. Quando nos alimentamos, o que

Leia mais

Qual o tamanho da próstata?

Qual o tamanho da próstata? É o aumento benigno do volume da próstata. A próstata é uma glândula situada na parte inferior da bexiga e anterior ao reto. No seu interior passa a uretra (o canal pelo qual a urina é eliminada do corpo).

Leia mais

Universidade do Estado do Rio de Janeiro Vice-Reitoria Curso de Abordagem da Violência na Atenção Domiciliar Unidade 2 Violência de gênero

Universidade do Estado do Rio de Janeiro Vice-Reitoria Curso de Abordagem da Violência na Atenção Domiciliar Unidade 2 Violência de gênero Universidade do Estado do Rio de Janeiro Vice-Reitoria Curso de Abordagem da Violência na Atenção Domiciliar Unidade 2 Violência de gênero Nesta unidade, analisaremos os aspectos específicos referentes

Leia mais

Oi, pai! Nós, da RHVIDA, queremos congratular você pelo seu dia. www.rhvida.com.br. Copyright RHVIDA S/C Ltda.

Oi, pai! Nós, da RHVIDA, queremos congratular você pelo seu dia. www.rhvida.com.br. Copyright RHVIDA S/C Ltda. Oi, pai! Nós, da RHVIDA, queremos congratular você pelo seu dia. Se você não é pai com certeza é filho, e então vamos parabenizar você e seu pai. Você sabe que existem muitas coisas a fazer pelo seu filho.

Leia mais

O primeiro passo para evitar o câncer do colo do útero é se informar. Que tal começar agora?

O primeiro passo para evitar o câncer do colo do útero é se informar. Que tal começar agora? O primeiro passo para evitar o câncer do colo do útero é se informar. Que tal começar agora? Folheto Consumidora 9x15cm.indd 1 7/21/08 6:07:48 PM A cada ano, 500.000 mulheres no mundo têm câncer do colo

Leia mais

Vacinação contra o HPV

Vacinação contra o HPV Vacinação contra o HPV Meleiro, março de 2014 Enfermeira Cristiane Sec Mun Saúde de Meleiro. ESF Papiloma Vírus Humano - HPV O HPV é um vírus (papilomavírus humano) transmitido pelo contato direto com

Leia mais

DADOS DE IDENTIFICAÇÃO

DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Viva intensamente. Cuide-se DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Nossos órgãos internos HÁBITOS SAUDÁVEIS Para se ter qualidade com aumento da expectativa de vida,precisa-se manter hábitos saudáveis: Alimentação balanceada

Leia mais

CÂNCER DE PRÓSTATA: NÍVEL DE CONHECIMENTO DA POPULAÇÃO MASCULINA COM FAIXA ETÁRIA ACIMA DE 40 ANOS, DA FEIRA LIVRE DO MUNICÍPIO DE BARREIRAS BA.

CÂNCER DE PRÓSTATA: NÍVEL DE CONHECIMENTO DA POPULAÇÃO MASCULINA COM FAIXA ETÁRIA ACIMA DE 40 ANOS, DA FEIRA LIVRE DO MUNICÍPIO DE BARREIRAS BA. CÂNCER DE PRÓSTATA: NÍVEL DE CONHECIMENTO DA POPULAÇÃO MASCULINA COM FAIXA ETÁRIA ACIMA DE 40 ANOS, DA FEIRA LIVRE DO MUNICÍPIO DE BARREIRAS BA. Caroline Carvalho Rodrigues, IFBA ¹ carolinerodrigues15@hotmail.com

Leia mais

Governo do Estado do Amapá Secretaria de Estado da Saúde Conselho Estadual de Saúde do Amapá

Governo do Estado do Amapá Secretaria de Estado da Saúde Conselho Estadual de Saúde do Amapá Governo do Estado do Amapá Secretaria de Estado da Saúde Conselho Estadual de Saúde do Amapá Ata da 4ª Reunião ordinária do Conselho Estadual de Saúde do ano de 2012. No dia vinte e seis do mês de Abril

Leia mais

FATOR "A" - Apabam Notícias

FATOR A - Apabam Notícias 04/12/2003 - Fator "A" - 04 - Outubro/2003 FATOR "A" - Apabam Notícias Informativo editado pela Associação dos Funcionários Aposentados do Bamerindus Sede: Rua Voluntários da Pátria, 475-22o.andar - Curitiba

Leia mais

Instituto de Biologia Roberto Alcantara Gomes (IBRAG) Diretor: Jorge José de Carvalho

Instituto de Biologia Roberto Alcantara Gomes (IBRAG) Diretor: Jorge José de Carvalho Universidade do Estado do Rio de Janeiro Reitor: Ricardo Vieiralves de Castro Centro Biomédico: Diretor: Mário Sérgio Alves Carneiro Instituto de Biologia Roberto Alcantara Gomes (IBRAG) Diretor: Jorge

Leia mais

AUDIENCIA PÚBLICA SENADO FEDERAL COMISSÃO DE ASSUNTOS SOCIAIS. Dr. Aguinaldo Nardi Presidente da SBU

AUDIENCIA PÚBLICA SENADO FEDERAL COMISSÃO DE ASSUNTOS SOCIAIS. Dr. Aguinaldo Nardi Presidente da SBU AUDIENCIA PÚBLICA SENADO FEDERAL COMISSÃO DE ASSUNTOS SOCIAIS Dr. Aguinaldo Nardi Presidente da SBU Senado Federal, 16 de maio de 2013 PNAISH - Primórdios. 1988 Criação do SUS Constituição Federal - Art.

Leia mais

NOVEMBRO AZUL: COMBATE E PREVENÇÃO AO CÂNCER DE PRÓSTATA

NOVEMBRO AZUL: COMBATE E PREVENÇÃO AO CÂNCER DE PRÓSTATA COMBATE E PREVENÇÃO AO ÍNDICE 03 04 07 12 19 24 Introdução Novembro Azul O câncer Você precisa se importar! Prevenção: Vencendo o preconceito Bons hábitos e Diagnóstico precoce são a melhor prevenção 27

Leia mais

O uso de vacinas como forma de prevenção das doenças é considerado uma das ações mais efetivas em saúde pública.

O uso de vacinas como forma de prevenção das doenças é considerado uma das ações mais efetivas em saúde pública. No. 011034 Linha de Pesquisa : Epidemiologia de AIDS e outras doenças transmissíveis TITULO AVALIAÇÃO DA COBERTURA VACINAL COM A VACINA ANTIPNEUMOCÓCICA PARA PACIENTES ADULTOS HIV/AIDS CADASTRADOS NO PROGRAMA

Leia mais

RECENTES DÚVIDAS DO REGIME PRÓPRIO FORMULADAS PELOS SERVIDORES DE AMERICANA - PROFESSORES

RECENTES DÚVIDAS DO REGIME PRÓPRIO FORMULADAS PELOS SERVIDORES DE AMERICANA - PROFESSORES RECENTES DÚVIDAS DO REGIME PRÓPRIO FORMULADAS PELOS SERVIDORES DE AMERICANA - PROFESSORES 1) Já completei 25 anos como professora em sala de aula, tenho hoje 45 anos de idade, com esta idade vou aposentar

Leia mais

REQUERIMENTO DE INFORMAÇÃO N.º,DE 2011

REQUERIMENTO DE INFORMAÇÃO N.º,DE 2011 REQUERIMENTO DE INFORMAÇÃO N.º,DE 2011 (Do Sr. Antonio Carlos Mendes Thame) Requer informações ao Senhor Ministro de Estado da Saúde a respeito das estimativas das despesas orçamentárias para o qüinqüênio

Leia mais

ESTATUTO DAS LIGAS ACADÊMICAS Diretoria de Extensão e Assuntos Comunitários

ESTATUTO DAS LIGAS ACADÊMICAS Diretoria de Extensão e Assuntos Comunitários ESTATUTO DA LIGA ACADÊMICA DE CITOLOGIA CLÍNICA Capítulo I Da Natureza e Finalidade Art. 1º. A Liga de Citologia Clínica é uma entidade sem fins lucrativos, com duração ilimitada, sob a supervisão da da

Leia mais

Principais formas de cancro na idade adulta

Principais formas de cancro na idade adulta Rastreio do cancro na idade adulta Principais formas de cancro na idade adulta Cancro do colo do útero Cancro da mama Cancro do cólon Cancro testicular Cancro da próstata SINAIS DE ALERTA O aparecimento

Leia mais

CONHECIMENTO DE IDOSOS SOBRE O CÂNCER DE PRÓSTATA

CONHECIMENTO DE IDOSOS SOBRE O CÂNCER DE PRÓSTATA CONHECIMENTO DE IDOSOS SOBRE O CÂNCER DE PRÓSTATA 1. Renata Emanuela de Queiroz Rêgo. Faculdade Santa Maria/FSM. Email: renata-emanuela@hotmail.com 2. Ankilma do Nascimento Andrade. Faculdade Santa Maria/FSM.

Leia mais

DIREÇÃO NACIONAL DA CUT APROVA ENCAMINHAMENTO PARA DEFESA DA PROPOSTA DE NEGOCIAÇÃO DO SALÁRIO MÍNIMO, DAS APOSENTADORIAS E DO FATOR PREVIDENCIÁRIO

DIREÇÃO NACIONAL DA CUT APROVA ENCAMINHAMENTO PARA DEFESA DA PROPOSTA DE NEGOCIAÇÃO DO SALÁRIO MÍNIMO, DAS APOSENTADORIAS E DO FATOR PREVIDENCIÁRIO DIREÇÃO NACIONAL DA CUT APROVA ENCAMINHAMENTO PARA DEFESA DA PROPOSTA DE NEGOCIAÇÃO DO SALÁRIO MÍNIMO, DAS APOSENTADORIAS E DO FATOR PREVIDENCIÁRIO A CUT e as centrais sindicais negociaram com o governo

Leia mais

FAZENDO SEXO APÓS O CÂNCER DE PRÓSTATA. Alícia Flores Jardim

FAZENDO SEXO APÓS O CÂNCER DE PRÓSTATA. Alícia Flores Jardim FAZENDO SEXO APÓS O CÂNCER DE PRÓSTATA Alícia Flores Jardim Dedicatórias Dedico este trabalho a meu pai que morreu em janeiro de 2013, após um câncer de próstata descoberto tardiamente. Ao meu marido

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº 2.031, DE 1999

PROJETO DE LEI Nº 2.031, DE 1999 COMISSÃO DE SEGURIDADE SOCIAL E FAMÍLIA PROJETO DE LEI Nº 2.031, DE 1999 Dispõe sobre o atendimento obrigatório aos portadores da Doença de Alzheimer no Sistema Único de Saúde - SUS, e dá outras providências.

Leia mais

MEDICINA PREVENTIVA SAÚDE DO HOMEM

MEDICINA PREVENTIVA SAÚDE DO HOMEM MEDICINA PREVENTIVA SAÚDE DO HOMEM SAÚDE DO HOMEM Por preconceito, muitos homens ainda resistem em procurar orientação médica ou submeter-se a exames preventivos, principalmente os de revenção do câncer

Leia mais

Caro colega. Gustavo Moreno Frias Diretor de Saúde

Caro colega. Gustavo Moreno Frias Diretor de Saúde Caro colega Nesta Cartilha estão as principais perguntas sobre LER, CAT e Direitos, que os bancários fazem seja por telefone ou contato direto no local de trabalho. É um verdadeiro guia rápido e contou

Leia mais

12. CONEX Apresentação Oral Resumo Expandido 1

12. CONEX Apresentação Oral Resumo Expandido 1 12. CONEX Apresentação Oral Resumo Expandido 1 ÁREA TEMÁTICA: ( ) COMUNICAÇÃO ( ) CULTURA ( ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( ) EDUCAÇÃO ( ) MEIO AMBIENTE ( X ) SAÚDE ( ) TRABALHO ( ) TECNOLOGIA PERFIL DAS

Leia mais

Apesar de ser um tumor maligno, é uma doença curável se descoberta a tempo, o que nem sempre é possível, pois o medo do diagnóstico é muito grande,

Apesar de ser um tumor maligno, é uma doença curável se descoberta a tempo, o que nem sempre é possível, pois o medo do diagnóstico é muito grande, Cancêr de Mama: É a causa mais frequente de morte por câncer na mulher, embora existam meios de detecção precoce que apresentam boa eficiência (exame clínico e auto-exame, mamografia e ultrassonografia).

Leia mais

Saúde da Próstata. XXX Ciclo de Debate Município Saudável Envelhecimento Ativo. Claudio B. Murta

Saúde da Próstata. XXX Ciclo de Debate Município Saudável Envelhecimento Ativo. Claudio B. Murta Divisão de Clínica Urológica Saúde da Próstata XXX Ciclo de Debate Município Saudável Envelhecimento Ativo Claudio B. Murta Médico Urologista Coordenador do Centro de Referência do Homem Hospital de Transplantes

Leia mais

Homeopatia. Copyrights - Movimento Nacional de Valorização e Divulgação da Homeopatia mnvdh@terra.com.br 2

Homeopatia. Copyrights - Movimento Nacional de Valorização e Divulgação da Homeopatia mnvdh@terra.com.br 2 Homeopatia A Homeopatia é um sistema terapêutico baseado no princípio dos semelhantes (princípio parecido com o das vacinas) que cuida e trata de vários tipos de organismos (homem, animais e plantas) usando

Leia mais

Meus amigos... A saúde tem pressa! da sua amiga, Flávia Morais

Meus amigos... A saúde tem pressa! da sua amiga, Flávia Morais 4ª Edição Meus amigos... Quando surgiu a ideia de criar o programa Saúde em Movimento, em parceria com o Lions Club e a LBV, acreditávamos que conseguiríamos reduzir em parte a distância que separa as

Leia mais

Bate papo sobre a AIDS, com o Prof. Geraldo Duarte

Bate papo sobre a AIDS, com o Prof. Geraldo Duarte Bate papo sobre a AIDS, com o Prof. Geraldo Duarte No dia 1º de dezembro, é comemorado o Dia Mundial de Luta Contra a AIDS. Para ressaltar a importância deste dia, a Comissão Interna de Prevenção de Acidentes

Leia mais

Qual é a função dos pulmões?

Qual é a função dos pulmões? Câncer de Pulmão Qual é a função dos pulmões? Os pulmões são constituídos por cinco lobos, três no pulmão direito e dois no esquerdo. Quando a pessoa inala o ar, os pulmões absorvem o oxigênio, que é levado

Leia mais

CARTILHA ELETRÔNICA INFLUENZA A (H1N1) INFORMAÇÃO E PREVENÇÃO PARA AS ESCOLAS

CARTILHA ELETRÔNICA INFLUENZA A (H1N1) INFORMAÇÃO E PREVENÇÃO PARA AS ESCOLAS CARTILHA ELETRÔNICA INFLUENZA A (H1N1) INFORMAÇÃO E PREVENÇÃO PARA AS ESCOLAS ORIENTAÇÃO AOS PEDAGOGOS Todas as informações constantes nesta cartilha devem ser levadas ao conhecimento de todos os alunos,

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DO RIO GRANDE DO SUL Autarquia Federal Lei nº 5.905/73

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DO RIO GRANDE DO SUL Autarquia Federal Lei nº 5.905/73 PARECER CTSAB Nº 02/2013 Porto Alegre, 08 de julho de 2013. Aplicação de nitrogênio líquido em lesões genitais a partir de prescrição médica por profissional enfermeiro. I - Relatório Trata-se de um Parecer

Leia mais

CÂNCER DE MAMA: é preciso falar disso. Ministério da Saúde Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva

CÂNCER DE MAMA: é preciso falar disso. Ministério da Saúde Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva CÂNCER DE MAMA: é preciso falar disso Ministério da Saúde Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva 2014 Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva/ Ministério da Saúde. Esta

Leia mais

NOVEMBRO. NAO SE ESCONDA ATRaS DOS SEUS PRECONCEITOS CUIDAR DA SAUDE TAMBEM e COISA DE HOMEM

NOVEMBRO. NAO SE ESCONDA ATRaS DOS SEUS PRECONCEITOS CUIDAR DA SAUDE TAMBEM e COISA DE HOMEM NOVEMBRO AZUL NAO SE ESCONDA ATRaS DOS SEUS PRECONCEITOS CUIDAR DA SAUDE TAMBEM e COISA DE HOMEM O movimento internacional, conhecido como Novembro Azul, é comemorado em todo o mundo, quando teve início

Leia mais

CAMPANHA PELA INCLUSÃO DA ANÁLISE MOLECULAR DO GENE RET EM PACIENTES COM CARCINOMA MEDULAR E SEUS FAMILIARES PELO SUS.

CAMPANHA PELA INCLUSÃO DA ANÁLISE MOLECULAR DO GENE RET EM PACIENTES COM CARCINOMA MEDULAR E SEUS FAMILIARES PELO SUS. Laura S. W ard CAMPANHA PELA INCLUSÃO DA ANÁLISE MOLECULAR DO GENE RET EM PACIENTES COM CARCINOMA MEDULAR E SEUS FAMILIARES PELO SUS. Nódulos da Tiróide e o Carcinoma Medular Nódulos da tiróide são um

Leia mais

DEPARTAMENTO DE TAQUIGRAFIA, REVISÃO E REDAÇÃO NÚCLEO DE REDAÇÃO FINAL EM COMISSÕES TEXTO COM REDAÇÃO FINAL TRANSCRIÇÃO IPSIS VERBIS

DEPARTAMENTO DE TAQUIGRAFIA, REVISÃO E REDAÇÃO NÚCLEO DE REDAÇÃO FINAL EM COMISSÕES TEXTO COM REDAÇÃO FINAL TRANSCRIÇÃO IPSIS VERBIS CÂMARA DOS DEPUTADOS DEPARTAMENTO DE TAQUIGRAFIA, REVISÃO E REDAÇÃO NÚCLEO DE REDAÇÃO FINAL EM COMISSÕES TEXTO TRANSCRIÇÃO IPSIS VERBIS CPI - GRUPOS DE EXTERMÍNIO NO NORDESTE EVENTO: Reunião ordinária

Leia mais

Editoria: Geral Manaus Hoje

Editoria: Geral Manaus Hoje Editoria: Geral Manaus Hoje Beneficiários do Bolsa Família 12 Editoria: Notícias www.portalamazonia.com.br Campanha de vacinação contra H1N1 é prorrogada ( ) Press-release da assessoria de imprensa (X)

Leia mais

Câncer de Mama COMO SÃO AS MAMAS:

Câncer de Mama COMO SÃO AS MAMAS: Câncer de Mama COMO SÃO AS MAMAS: As mamas (ou seios) são glândulas e sua função principal é a produção de leite. Elas são compostas de lobos que se dividem em porções menores, os lóbulos, e ductos, que

Leia mais

Você sabe os fatores que interferem na sua saúde?

Você sabe os fatores que interferem na sua saúde? DICAS DE SAÚDE 2 Promova a sua saúde. Você sabe os fatores que interferem na sua saúde? Veja o gráfico : 53% ao estilo de vida 17% a fatores hereditários 20% a condições ambientais 10% à assistência médica

Leia mais

Previdência Social: quem tem direito à aposentadoria?

Previdência Social: quem tem direito à aposentadoria? Previdência Social: quem tem direito à aposentadoria? Quando o assunto é aposentadoria, é comum surgir à questão: como se manter financeiramente após o término da idade ativa? A Previdência Social é um

Leia mais

Quando o medo transborda

Quando o medo transborda Quando o medo transborda (Síndrome do Pânico) Texto traduzido e adaptado por Lucas Machado Mantovani, mediante prévia autorização do National Institute of Mental Health, responsável pelo conteúdo original

Leia mais

HIV. O vírus da imunodeficiência humana HIV-1 e HIV-2 são membros da família Retroviridae, na subfamília Lentividae.

HIV. O vírus da imunodeficiência humana HIV-1 e HIV-2 são membros da família Retroviridae, na subfamília Lentividae. A Equipe Multiprofissional de Saúde Ocupacional da UDESC lembra: Dia 01 de dezembro é dia mundial de prevenção à Aids! Este material foi desenvolvido por alunos do Departamento de Enfermagem da Universidade

Leia mais

SENADO FEDERAL PRESSÃO CONTROLADA SENADOR CLÉSIO ANDRADE

SENADO FEDERAL PRESSÃO CONTROLADA SENADOR CLÉSIO ANDRADE SENADO FEDERAL PRESSÃO CONTROLADA SENADOR CLÉSIO ANDRADE 2 Pressão controlada apresentação Chamada popularmente de pressão alta, a hipertensão é grave por dois motivos: não apresenta sintomas, ou seja,

Leia mais

COMPONENTE CURRICULAR - UROLOGIA CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA - CRONOGRAMA DE ATIVIDADES PERÍODO: 8º - 2015.2 DIA ATIVIDADE/AULA PROFESSOR

COMPONENTE CURRICULAR - UROLOGIA CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA - CRONOGRAMA DE ATIVIDADES PERÍODO: 8º - 2015.2 DIA ATIVIDADE/AULA PROFESSOR FUNDAÇÃO BENEDITO PEREIRA NUNES CNPJ 28.964.252/0001-50 005.104.008/17.169 C.A.P. FACULDADE DE MEDICINA DE CAMPOS Av. Alberto Torres, 217 Centro Campos dos Goytacazes-RJ CEP 28 035-581 Telefone/Fax (22)

Leia mais

Descobrindo o valor da

Descobrindo o valor da Descobrindo o valor da Ocâncer de mama, segundo em maior ocorrência no mundo, é um tumor maligno que se desenvolve devido a alterações genéticas nas células mamárias, que sofrem um crescimento anormal.

Leia mais

TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE E ESCLARECIDO

TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE E ESCLARECIDO TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE E ESCLARECIDO O(A) paciente, ou seu responsável, declara, para todos os fins legais, especialmente do disposto no artigo 39, VI, da Lei, 8.078/90 que dá plena autorização ao

Leia mais

CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM CURSO DE GRADUAÇÃO EM NUTRIÇÃO PROJETO OUTUBRO ROSA

CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM CURSO DE GRADUAÇÃO EM NUTRIÇÃO PROJETO OUTUBRO ROSA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM CURSO DE GRADUAÇÃO EM NUTRIÇÃO PROJETO OUTUBRO ROSA Salvador 2015 CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM CURSO DE GRADUAÇÃO EM NUTRIÇÃO PROJETO OUTUBRO ROSA Projeto institucional

Leia mais

Exerça o democrático direito de voto e escolha seus representantes na Fundação

Exerça o democrático direito de voto e escolha seus representantes na Fundação NÚMERO 21 ABRIL MAIO 2010 Editado pela Assessoria de Comunicação Institucional Exerça o democrático direito de voto e escolha seus representantes na Fundação 02 Candidatos a Diretor de Benefícios participam

Leia mais

Câncer de Tireóide. O segredo da cura é a eterna vigilância

Câncer de Tireóide. O segredo da cura é a eterna vigilância Câncer de Tireóide Texto de apoio ao curso de Especialização Atividade física adaptada e saúde Prof. Dr. Luzimar Teixeira O câncer de tireóide é um tumor maligno de crescimento localizado dentro da glândula

Leia mais

Clipping Eletrônico Sábado dia 15/11/2014

Clipping Eletrônico Sábado dia 15/11/2014 Clipping Eletrônico Sábado dia 15/11/2014 Jornal Em Tempo Dia a Dia Pág. A07 15 de novembro de 2014 Jornal Agora Cidade Pág. 3-15 de novembro de 2014 Jornal Agora Cidade Pág. 3-15 de novembro de 2014 Jornal

Leia mais

Ocorrências de casos humanos de influenza suína no México e EUA Informe do dia 26.04.09, às 13h

Ocorrências de casos humanos de influenza suína no México e EUA Informe do dia 26.04.09, às 13h Ministério da Saúde Gabinete Permanente de Emergências em Saúde Pública ALERTA DE EMERGÊNCIA DE SAÚDE PÚBLICA DE IMPORTÂNCIA INTERNACIONAL Ocorrências de casos humanos de influenza suína no México e EUA

Leia mais

OUTUBRO. um mes PARA RELEMBRAR A IMPORTANCIA DA. prevencao. COMPARTILHE ESSA IDEIA.

OUTUBRO. um mes PARA RELEMBRAR A IMPORTANCIA DA. prevencao. COMPARTILHE ESSA IDEIA. OUTUBRO ROSA ^ um mes PARA RELEMBRAR A IMPORTANCIA DA ~ prevencao. COMPARTILHE ESSA IDEIA. ~ ^ O movimento popular internacionalmente conhecido como Outubro Rosa é comemorado em todo o mundo. O nome remete

Leia mais

OUTUBRO ROSA UMA CAMPANHA DE CONSCIENTIZAÇÃO DA SOFIS TECNOLOGIA

OUTUBRO ROSA UMA CAMPANHA DE CONSCIENTIZAÇÃO DA SOFIS TECNOLOGIA C A R T I L H A OUTUBRO ROSA UMA CAMPANHA DE CONSCIENTIZAÇÃO DA SOFIS TECNOLOGIA OOUTUBRO ROSA é um movimento mundial pela prevenção e diagnóstico precoce do câncer de mama. Com suas ações especialmente

Leia mais

Palavras chave para indexação: 2014_10_07_Mem.Reun.Saúde _ Barracão_ Associação_Comunidade _Vila Isabel_Anapu

Palavras chave para indexação: 2014_10_07_Mem.Reun.Saúde _ Barracão_ Associação_Comunidade _Vila Isabel_Anapu Assunto: Reunião/Palestra sobre saúde para orientar e esclarecer as dúvidas da população sobre as ações preventivas na área da saúde pública em virtude da construção da UHE Bo Monte. Redator: Maurício

Leia mais

ÍNDICE - 12/06/2005 O Estado de S.Paulo... 2 O Estado de S.Paulo... 2 Vida&...2 Revista IstoÉ...4 MEDICINA & BEM-ESTAR/Epidemia...

ÍNDICE - 12/06/2005 O Estado de S.Paulo... 2 O Estado de S.Paulo... 2 Vida&...2 Revista IstoÉ...4 MEDICINA & BEM-ESTAR/Epidemia... ÍNDICE - 12/06/2005 O Estado de S.Paulo...2 O Estado de S.Paulo...2 Vida&...2 Rede de bancos poderá facilitar transplantes...2 Revista IstoÉ...4 MEDICINA & BEM-ESTAR/Epidemia...4 Nem tão exemplar...4 O

Leia mais

CÂNCER DE MAMA: é preciso falar disso. Ministério da Saúde Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva

CÂNCER DE MAMA: é preciso falar disso. Ministério da Saúde Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva CÂNCER DE MAMA: é preciso falar disso Ministério da Saúde Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva 2014 Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva/ Ministério da Saúde. Esta

Leia mais

CÂNCER DE MAMA: é preciso falar disso. Ministério da Saúde Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva

CÂNCER DE MAMA: é preciso falar disso. Ministério da Saúde Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva CÂNCER DE MAMA: é preciso falar disso Ministério da Saúde Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva Cartilha_Outubro Rosa_Mitos_26-09-2014.indd 1 08/10/2014 14:24:37 2014 Instituto Nacional

Leia mais

HPV. Papiloma Virus. Trata-se de uma infecção adquirida através de contato sexual.

HPV. Papiloma Virus. Trata-se de uma infecção adquirida através de contato sexual. HPV Papiloma Virus Todo ano, cerca de 230 mil mulheres morrem no mundo vítimas do câncer no colo do útero. E, para o surgimento desse tipo de câncer, é necessário que a vítima tenha sido infectada pelo

Leia mais

Papilomavírus Humanos (HPV) Virologia MIP Instituto Biomédico Universidade Federal Fluminense

Papilomavírus Humanos (HPV) Virologia MIP Instituto Biomédico Universidade Federal Fluminense Papilomavírus Humanos (HPV) Virologia MIP Instituto Biomédico Universidade Federal Fluminense Características principais Agente etiológico das verrugas (tumores epiteliais benignos) Infectam epitélio de

Leia mais

Diagnóstico das doenças da próstata

Diagnóstico das doenças da próstata Diagnóstico das doenças da próstata A. A QUEM SE DEVE DIRIGIR SE TEM DIFICULDADES URINÁRIAS? O médico especialista em patologia prostática é o urologista. Este especialista realizará exames adequados para

Leia mais

Sintomas do trato urinário inferior em homens Resumo de diretriz NHG M42 (Março 2013)

Sintomas do trato urinário inferior em homens Resumo de diretriz NHG M42 (Março 2013) Sintomas do trato urinário inferior em homens Resumo de diretriz NHG M42 (Março 2013) Blanker MH, Breed SA, van der Heide WK, Norg RJC, de Vries A, Wolters RJ, van den Donk M, Burgers JS, Opstelten W,

Leia mais

Você conhece a Medicina de Família e Comunidade?

Você conhece a Medicina de Família e Comunidade? Texto divulgado na forma de um caderno, editorado, para a comunidade, profissionais de saúde e mídia SBMFC - 2006 Você conhece a Medicina de Família e Comunidade? Não? Então, convidamos você a conhecer

Leia mais

Perpetuando a vida - 2

Perpetuando a vida - 2 A U A UL LA Acesse: http://fuvestibular.com.br/ Perpetuando a vida - 2 Atenção - Maria, olhe só o resultado do exame: positivo para gonadotrofina coriônica! Alberto e Maria olharam um para o outro, sem

Leia mais

Dpto. Jurídico do Direito Administrativo da ANSEF/RJ

Dpto. Jurídico do Direito Administrativo da ANSEF/RJ Dpto. Jurídico do Direito Administrativo da ANSEF/RJ É bom saber... LEI Nº 12.618, DE 30 DE ABRIL DE 2012. Institui o regime de previdência complementar para os servidores públicos federais titulares de

Leia mais

Câncer de Pulmão. Prof. Dr. Luis Carlos Losso Medicina Torácica Cremesp 18.186

Câncer de Pulmão. Prof. Dr. Luis Carlos Losso Medicina Torácica Cremesp 18.186 Câncer de Pulmão Todos os tipos de câncer podem se desenvolver em nossas células, as unidades básicas da vida. E para entender o câncer, precisamos saber como as células normais tornam-se cancerosas. O

Leia mais

HPV. Câncer do Colo do Útero Verrugas Genitais. G u i a d e P ediatria

HPV. Câncer do Colo do Útero Verrugas Genitais. G u i a d e P ediatria HPV Câncer do Colo do Útero Verrugas Genitais G u i a d e P ediatria Você tenta fazer tudo que é possível para proteger sua filha, para garantir que tudo dê certo hoje e amanhã. Ela confia em você. Essa

Leia mais

RESPOSTA RÁPIDA 43/2014. VACINA HPV em paciente com diagnóstico de HPV+ (neoplasia + intraepitelial grau I)

RESPOSTA RÁPIDA 43/2014. VACINA HPV em paciente com diagnóstico de HPV+ (neoplasia + intraepitelial grau I) RESPOSTA RÁPIDA 43/2014 VACINA HPV em paciente com diagnóstico de HPV+ (neoplasia + intraepitelial grau I) SOLICITANTE NÚMERO DO PROCESSO Dra. Herilene de Oliveira Andrade Juíza de Direito da Comarca de

Leia mais

Acredito no planejamento estratégico que aprendi com o professor. Amílcar de Oliveira Lima, da equipe do Ministro Delfim Neto, ainda no Rio de

Acredito no planejamento estratégico que aprendi com o professor. Amílcar de Oliveira Lima, da equipe do Ministro Delfim Neto, ainda no Rio de Prezadas senhoras e prezados senhores, Acredito no planejamento estratégico que aprendi com o professor Amílcar de Oliveira Lima, da equipe do Ministro Delfim Neto, ainda no Rio de Janeiro, na década de

Leia mais

EMENTA: Câncer urológico - Critérios de alta para pacientes com câncer CONSULTA

EMENTA: Câncer urológico - Critérios de alta para pacientes com câncer CONSULTA PARECER Nº 2422/2013 CRM-PR PROCESSO CONSULTA N.º 11/2013 PROTOCOLO N. º 10115/2013 ASSUNTO: CRITÉRIOS DE ALTA DE SERVIÇOS DE CANCEROLOGIA PARECERISTA: CONS. JOSÉ CLEMENTE LINHARES EMENTA: Câncer urológico

Leia mais

Diagnóstico do câncer de mama Resumo de diretriz NHG M07 (segunda revisão, novembro 2008)

Diagnóstico do câncer de mama Resumo de diretriz NHG M07 (segunda revisão, novembro 2008) Diagnóstico do câncer de mama Resumo de diretriz NHG M07 (segunda revisão, novembro 2008) De Bock GH, Beusmans GHMI, Hinloopen RJ, Corsten MC, Salden NMA, Scheele ME, Wiersma Tj traduzido do original em

Leia mais