CARTA-CIRCULAR Nº 878 Às Instituições Financeiras do Sistema Nacional de Crédito Rural

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CARTA-CIRCULAR Nº 878 Às Instituições Financeiras do Sistema Nacional de Crédito Rural"

Transcrição

1 CARTA-CIRCULAR Nº 878 Às Instituições Financeiras do Sistema Nacional de Crédito Rural Comunicamos que foram introduzidas modificações no Sistema RECOR, conforme folhas anexas destinadas à atualização do Manual de Crédito Rural (MCR). DEPARTAMENTO DO CRÉDITO RURAL Geraldo Martins Teixeira CHEFE Este texto não substitui o publicado no DOU e no Sisbacen. Brasília (DF), 05 de maio de Carta-Circular nº 878 de 05 de maio de 1983

2 TÍTULO: CRÉDITO RURAL CAPÍTULO: Controles 7 SEÇÃO: Registro Comum de Operações Rurais (RECOR) 5 1 O Registro Comum de Operaçõe Rurais (RECOR) objetiva: a) evitar o paralelismo de assistência creditícia; agropecuária; b) aperfeiçoar o sistema de levantamentos estatísticos dos empréstimos à c) possibilitar melhor acompanhamento da aplicação do crédito rural. 2 Cabe à instituição financeira e às cooperativas de produtores rurais repassadoras de recursos, para efeitos do RECOR, adotar modelo padronizado de instrumento de crédito (documento n. 4 deste capítulo). 3 O instrumento de crédito deve ser complementado com todos os requisitos legais, conforme o modelo a que se refere o documento n. 5 deste capítulo, cuja forma podo ser adaptada à conveniência de cada instituição financeira. 4 Cabe a utilização do documento n. 6 deste capítulo: a) como folha de continuação, na hipótese de financiamento conjunto de 4 (quatro) ou mais empreendimentos na mesma cédula ou quando o número de beneficiários exceder o espaço a eles destinado no documento n. 4 deste capítulo; b) quando a operação for formalizada em contrato, a fim de permitir a captação dos dados necessários ao sistema RECOR. 5 A instituição financeira deve remeter ao Banco Central, no primeiro dia útil de cada semana, a 2a. via dos documentos o 4 e 6 capeados por carta-remessa nos termos do documento n. 10 deste capítulo, respeitado o prazo de até 15 (quinze) dias da formalização da operação. 6 Admite-se a utilização de modelo de instrumento de crédito distinto do constante deste capítulo, desde que a instituição financeira remeta ao Banco Central, até o dia 20 de cada mês, fita magnética relativa às operações realizadas no mês anterior. 7 Os locais de entrega dos documentos e fitas magnéticas, bem como outras informações complementares constam do Catálogo de Documentos (CADOC) divulgado pela Circular n. 734, de As cooperativas de produtores rurais repassadoras de recursos devem entregar os documentos n. 4 e 6 deste capítulo à instituição financiadora para remessa ao Banco Central. 9 Encontram-se relacionados nos documentos n. 7, 8, 9, 11 e 12 os númeroscódigos utilizáveis nos instrumentos de crédito, relativos a: a) categoria do emitente; b) programa/linha de crédito; c) empreendimento; d) referência BACEN;

3 TÍTULO: CRÉDITO RURAL CAPÍTULO: Controles 7 SEÇÃO: Registro Comum de Operações Rurais (RECOR) 5 e) municípios. 10 A falta de remessa dos documentos estipulados neste capítulo, no prazo estabelecido, constitui infração grave, para todos os efeitos. (*)

4 MCR 7 DOCUMENTO Nº 8 PROGRAMAS/LINHAS DE CRÉDITO DENOMINAÇÃO N. CÓDIGO Política de Garantia de Preços Mínimos Preparo 1016 Estocagem 1023 PrÉ-EGF 1030 Embalagem 1047 Recursos de Refinanciamento ou Repasse do BACEN POLONORDESTE 2015 POLANAZÔNIA 2022 PROÁLCOOL RURAL 2039 PROCAL RURAL 2046 PROJETO SERTANEJO 2053 POLOCENTRO 2060 POLOBRASÍLIA 2077 PROHIDRO 2084 PROFIR 2091 PROVÁRZEAS 2101 PRODECER 2118 PROCANOR 2125 MG-II 2132 PLANCAPÊ 2149 BID PLANOROESTE-II 2163 PROTERRA 2170 PRODEMATA 2187 PROBOR III 2194 Outros Programas 2998 Recursos MCR 37 (*) MCR 37 Crédito Complementar 3014

5 MCR 7 DOCUMENTO Nº 8 MCR 37 Crédito Integral 3021 MCR 37 Outros 3997 Recursos MCR 18 ou próprios livres 4006 Recursos repasses (1) 5005 Outros Recursos 9001 (1) exclusivo pera utilização pelas cooperativas nos subempréstimos.

6 MCR 7 DOCUMENTO Nº 9 EMPREENDIMENTO NÚMERO-CÓDIGO ÁREA/QTD. PREV.PROD. tucum t t outros produtos t t 1 Atividade: Agrícola (*) Finalidade: Custeio 3 Beneficiamento ou industrialização EMPREENDIMENTO NÚMERO-CÓDIGO QUANTIDADE agave (sisal) t. algodão t. amendoim t. arroz t. cacau t. cana-de-açúcar t. cera-de-carnaúbe t. erva-mate t. feijão t. frutas diversas n. e t. fumo t. gergelim t. girassol t. guaraná t. hortelã (menta) t. juta t. laranja t. linho t. madeira t. malva t. mamão t. mamona t. mandioca (farinha) t.

7 MCR 7 DOCUMENTO Nº 9 milho t. pimenta-do-reino t. rami t. soja t. trigo t. tungue t. uva t. outros produtos n. e sacaria e/ou material de acondionamento milhares 1 Ativdade: Agrícola Finalidade: Custeio 5 Outras aplicações de custeio EMPREENDIMENTO NÚMERO-CÓDIGO aviação agrícola manutenção do produtor e sua família desmatamento destoca outras aplicações de custeio correção não intensiva Atividade: Agrícola (*) Finalidade: Investimento 1 Formação de culturas perenes EMPREENDIMENTO NÚMERO-CÓDIGO ÁREA abacate ha abacaxi ha acácia negra ha agave (sisal) ha algodão arbóreo ha banana ha borracha (seringueira) ha

8 MCR 7 DOCUMENTO Nº 9 cacau ha café ha caju ha cana-de-açúcar (fundação) ha cana-de-açúcar (renovação) ha cana-de-açúcar (produção de álcool para fins carburantes) ha chá ha coco-da-bahia ha dendê ha erva-mate ha flores diversas n. e ha florestamento e reflorestamento ha frutas diversas n.e ha guaraná ha laranja ha limão ha maçã ha mamão ha mamona ha mandioca ha mandioca (produção de álcool para fins carburantes) ha maracujá ha marmelo ha oliva (azeitona) ha pimenta-do-reino ha rami ha tangerina ha tungue ha uva ha

9 MCR 7 DOCUMENTO Nº 9 outras culturas ha 2 Atividade: Agrícola Finalidade: Investimento 2 Melhoramento das explorações EMPREENDIMENTO NÚMERO-CÓDIGO ÁREA adubação intensiva do solo ha armazém (construção ou reforma, abrangendo a compra de aparelhagem necessária ao expurgo e defesa dos produtos guardados) correção intensiva do solo ha depósito, galpão, paiol, estufa e instalações congêneres (construção ou reforma, abrangendo a compra de aparelhagem necessária ao expurgo e defesa dos produtos guardados) desbravamento de glebas rurais (abrange a abertura de estradas internas, desmatametno e destocamento) ha eletrificação rural (abrange a instalação de força e luz elétrica nas benfeitorias que necessitam desse melhoramento) erradicação de cafezais ha/mil pés escolas rurais (abrange a compra de equipamento necessário ao seu adequado funcionamento) instalações para industrialização e benefiamento (abrange a compra de maquinaria necessária ao seu funcionamento balanças, prensas, debulhadores, descascadores, picadores de forragem, moinhos, máquinas de beneficiar, etc., peças e acessórios) irrigação (construção ou reforma de açudes, abertura de poços e de canais de irrigação, abrange, ainda, a compra de aparelhagem necessária aos serviços de irrigação motores, bombas, giroscópios aspersores, válvulas aspersoras, etc., peças e acessórios) proteção do solo (obras de recuperação e proteção do solo através de terraplanagem, drenagem e plantio de espécies vegetais para fixação do solo e sombreamento) residências rurais silo (construção ou reforma, abrangendo a compra de aparelhagem necessária à silagem, expurgo e defesa

10 MCR 7 DOCUMENTO Nº 9 dos produtos guardados) terreiros tulha outros sistemas de captação, retenção e aproveitamento de água (cisternas, barreiros ou tanques, implúvios, caixilhos, barragens subterrâneas, gotejamento, cápsulas porosas ou potejamento e outros sistemas de armazenamento e utilização de água, exceto açudes, poços e canais de irrigação) outros melhoramentos n. e. (cercas, garagens, etc.) fundiários (aquisição de pequena propriedade) ha fundiários (aquisição de áreas próximas ao imóvel) ha fundiários (projeto de colonização particular) ha 2 Atividade: Agrícola Finalidade: Investimento 3 Máquinas, aparelhos e equipamentos EMPREENDIMENTO NÚMERO-CÓDIGO QUANTIDADE Reformas de máquinas, aparelhos, equipamentos e veículos, compra de peçasx e acessórios máquinas e implementos adaptação do solo (destocadores, niveladores, terraceadores, etc.) máquinas e implementos preparação do solo (arados de tração animal, aivecas, arados de tração mecânica, grades de disco, etc.) máquinas e implementos cultivação do solo (enxadas rotativas, plantadeiras, semeadeiras etc.) máquinas e implementos correção do solo e combate às pregas (distribuidores de calcários e de fertilizantes, nebulizadores, vaporizadores, insufladores, etc.) máquinas e implementos-colheitadeira (ancinhos mecânicos, ceifeiras-atadeiras, segadeiras, trilhos, trilhadeiras, etc.) colheitadeiras automotrizes nacionais unid. colheitadeiras automotrizes importadas unid.

11 MCR 7 DOCUMENTO Nº 9 cultivadores motorizados (micro-tratores) unid. despolpadores unid. lavadores unid. secadores unid. patrulha mecanizada tratores nacionais unid. patrulha mecanizada tratores importados unid. patrulha mecanizada colheitadeiras nacionais unid. patrulha mecanizada colheitadeiras importadas unid. patrulha mecanizada outras máquinas nacionais unid. patrulha mecanizada outras máquinas importadas unid. tratores nacionais unid. tratores importados unid. 2 Atividade: Agrícola Finalidade: Investimento 4 Veículos EMPREENDIMENTO NÚMERO-CÓDIGO QUANTIDADE aviões (aeronaves de pequeno porte) unid. caminhões unid. camionetas carretas-carroças unid. embarcações (pequenas embarcações) unid. utilitários (jipes e semelhantes) unid. outros unid. 2 Atividade: Agrícola Finalidade: Investimento 5 Animais de serviço EMPREENDIMENTO NÚMERO-CÓDIGO QUANTIDADE animais de serviço unid.

12 MCR 7 DOCUMENTO Nº 9 2 Atividade: Agrícola Finalidade: Investimento 6 Outras aplicações de investimento EMPREENDIMENTO NÚMERO-CÓDIGO QUANTIDADE outras aplicações de investimento NOTA: Os créditos destinados à compra de peças e acessórios, bem assim, à recuperação de máquinas, aparelhos, equipamentos e veículos serão classificados nos respectivos grupos, sem indicação de quantidade. 3 Atividade: Agrícola Finalidade: Comercialização (exceto desconto) 1 Empréstimos do Governo Federal para garantia de preços mínimos (EGF) EMPREENDIMENTO NÚMERO-CÓDIGO QUANTIDADE Algodão algodão em caroço kg bruto algodão em pluma kg bruto caroço de algodão kg bruto Alho alho curado kg líquido alho meia cura kg bruto Amendoim amendoim beneficiado kg bruto amendoim em casca kg bruto óleo bruto de amendoim t. bruta óleo refinado de amendoim (comestível) Lata Arroz arroz beneficiado macerado kg bruto arroz beneficiado parboilizado kg bruto arroz beneficiado pardo kg bruto arroz beneficiado polido kg bruto arroz beneficiado polido (importado) kg bruto arroz em casca macerado kg bruto

13 MCR 7 DOCUMENTO Nº 9 arroz em casca natural kg bruto arroz em casca parboilizado kg bruto Aveia aveia kg bruto Babaçu amêndoa de babaçu kg bruto óleo bruto de babaçu t. bruta óleo refinado de babaçu lata Batata batata kg bruto Castanha do Brasil castanha do Brasil beneficiada (industrializada) kg líquido castanha do Brasil em casca desidratada hl castanha do Brasil em casca desidratada polida hl castanha do Brasil em casca natural hl Castanha de caju castanha de caju beneficiada (industrial) kg líquido castanha de caju em casca kg bruto Carnaúba cera de carnaúba kg líquido pó cerífero de carnaúba kg líquido Centeio centeio kg bruto Cevada cevada cervejeira kg bruto malte kg bruto semente de cevada cervejeira (1a. fase) kg bruto semente de cevada cervejeira (2a fase) kg bruto Feijão feijão anão branco kg bruto

14 MCR 7 DOCUMENTO Nº 9 feijão anão cores kg bruto feijão anão cores (roxinho/roxão) kg bruto feijão anão misto kg bruto feijão anão preto kg bruto feijão anão preto (importado) kg bruto feijão anão preto (uberabinha) kg bruto feijão anão preto rajado kg bruto feijão macaçar kg bruto Gergelim gergelim kg bruto óleo refinado de gergelim lata Girassol girassol kg bruto óleo refinado de girassol (comestível) lata Guaraná guaraná em rama (semente torrada) kg bruto Juta juta embonecada (seca e solta) kg bruto juta enfardada (prensada) kg bruto Malva malva embonecada (seca e solta) kg bruto malva enfardada (prensada) kg bruto semente de malva kg bruto Mamona mamona em baga kg bruto óleo industrial de mamona t. bruta Mandioca farinha de mandioca comestível grupo d água kg bruto farinha de mandioca comestível grupo seca kg bruto farinha de mandioca industrial kg bruto

15 MCR 7 DOCUMENTO Nº 9 fécula de mandioca kg bruto raiz de mandioca kg bruto raspa de mandioca kg bruto Milho fubá de milho kg bruto milho em espigas (com palhas) kg bruto milho em grãos kg bruto milho em grãos (importado) kg bruto óleo purificado de milho (degomado) kg bruto óleo refinado de milho (comestível) lata Pêssego pêssego em calda (enlatado) lata Rami rami amaciada kg bruto rami descorticado kg bruto rami descorticado abaixo padrão kg bruto Sementes batata semente kg líquido semente de algodão kg bruto semente de amendoim (1ª. fase) kg bruto semente de amendoim (2a. fase) kg bruto semente de arroz (1a. fase) kg bruto semente de arroz (2a. fase) kg bruto semente de cebola kg líquido semente de feijão (1ª. fase) kg bruto semente de feijão (2ª. fase) kg bruto semente de juta kg bruto semente de milho (1a. fase) semente de milho híbrido (2a. fase) kg bruto semente de milho variedade (2a. fase) kg bruto

16 MCR 7 DOCUMENTO Nº 9 semente de soja (1a. fase) kg bruto semente de soja (2a. fase) kg bruto semente de sorgo kg bruto Sisal baler twine kg bruto bucha de sisal kg bruto refugo de sisal kg bruto sisal beneficiado kg bruto sisal bruto kg bruto Soja óleo purificado de soja (degomado) kg líquido óleo refinado de soje comestível lata soja em grãos kg bruto Sorgo sorgo granífero kg bruto Trigo trigo sarraceno (mourisco) kg bruto Uva (derivados) álcool vínico a 80o. GL litro champanha garrafa conhaque litro destilado de vinho litro filtrado doce de uva comum a 5o. GL litro filtrado doce de uva vinífera a 5o. GL litro jeropiga litro mistela a 18o. GL litro mosto abafado litro mosto concentrado sulfitado de uva comum a 70o. BRIX litro mosto concentrado virgem a 68o. BRIX litro

17 MCR 7 DOCUMENTO Nº 9 suco de uva (simples) litro vinho branco comum litro vinho rosado comum litro vinho rosado herbemont litro vinho tinto comum litro vinho viníferas especiais litro vinho viníferas nobres litro vinho viníferas superiores litro vinhos compostos (vermute e quinado) litro vinhos licorosos litro Farelos protéicos e/ou rações balanceadas farelos protéicos e/ou rações balanceadas t. Caixa de madeira caixa de madeira (testeira retangular) unid. caixa de madeira (testeira oitavada) unid. Sacaria de algodão sacaria de algodão, nova (150 g) unid. sacaria de algodão, nova (200 g) unid. sacaria de algodão, usada (150 g) unid. sacaria de algodão, usada (200 g) unid. Sacaria de juta sacaria de juta, nova (270 g) unid. sacaria de juta, nova (350/360 g) unid. sacaria de juta, nova (400/410 g) unid. sacaria de juta, nova (440 g) unid. sacaria de juta, nova (500 g) unid. sacaria de juta, nova (600 g) unid. sacaria de juta, nova (950 g) unid. sacaria de juta, usada (270 g) unid. sacaria de juta, usada (350/360 g) unid.

18 MCR 7 DOCUMENTO Nº 9 sacaria de juta, usada (400/410 g) unid. sacaria de juta, usada (440 g) unid sacaria de juta, usada (500 g) unid. sacaria de juta, usada (600 g) unid. sacaria de juta, usada (950 g) unid. Sacaria de papel Kraft sacaria de papel kraft, nova (4/5 fl.) unid sacaria de papel kraft, nova valvul. (3 fl.) unid Sacaria de polietileno sacaria de polietileno, nova (lisa) unid. sacaria de polietileno, nova (telada) unid. sacaria de polietileno, nova (valvulada) unid. Sacaria de polipropileno sacaria de polipropileno, nova (100 g) unid. sacaria de polipropileno, nova (120 g) unid. Sacaria de plástico saco plástico telado 10 kg unid. saco plástico telado 20 kg unid. Outras embalagens outras embalagens unid. 3 Atividade: Agrícola Finalidade: Comercialização (exceto desconto) 2 Pré-comercialização EMPREENDIMENTO NÚMERO-CÓDIGO QUANTIDADE abacate t. abacaxi t. abóbora moranga t. acácia negra t. agave (sisal) t. alfafa azevém t.

19 MCR 7 DOCUMENTO Nº 9 algodão arbóreo t. algodão herbáceo t. alho t. amendoim t. arroz irrigado t. arroz não irrigado t. aspargo t. aveia t. babaçu t. banana t. batata-doce t. batata-inglesa t. borracha (seringueira) t. cacau t. café t. caju t. cana-de-açúcar t. cana-de-açúcar (produção de álcool para fins carburantes) t. carnaúba t. cebola t. centeio t. cevada t. chá t. coco-da-bahia t. dendê t. erva-mate t. ervilha t. feijão t. flores diversas n.e mil/dz.

20 MCR 7 DOCUMENTO Nº 9 frutas diversas n.e t. fumo t. gergelim t. girassol t. hortaliças diversas t. hortelã (menta) t. inhame cará t. juta t. laranja t. limão t. linho t. lúpulo t. maçã t. malva t. mamão t. mamona t. mandioca (aipim-macaxeira) t. mandioca (produção de álcool para fins carburantes) t. maracujá t. marmelo t. melancia t. melão t. milho t. morango t. oliva (azeitona) t. pêssego t. pimenta-do-reino t. rami t. soja t.

21 MCR 7 DOCUMENTO Nº 9 sorgo t. tangerina t. tomate estaqueado t. tomate rasteiro t. trigo t. tungue t. uva t. outras lavouras t. Produção de sementes e mudas semente de algodão t. semente de arroz t. semente de batata inglesa t. semente de milho t. semente de trigo t. mudas de café mil mudas semente de soja t. sementes diversas t. mudas diversas mil mudas castanha-do-brasil Hl castanha-de-caju t. guaraná t. madeira m3 piaçaba t. tucum t. outros produtos t. 3 Atividade: Agrícola Finalidade: Comercialização (exceto desconto) 3 Comercialização EMPREENDIMENTO NÚMERO-CÓDIGO QUANTIDADE açúcar t.

22 MCR 7 DOCUMENTO Nº 9 álcool hl. laranja t. pêssego t. 5 Atividade: Pecuária Finalidade: Custeio 1 Animais EMPREENDIMENTO NÚMERO-CÓDIGO PREV. PROD. apicultura t. avicultura-engorda para abate t. avicultura-produção de crias mil cabeças avicultura-produção de ovos mil dz. bovinos-produção de leite cabeças bovinos-produção de carne cabeças búfalos (bubalinos) cabeças caprinos cabeças cunicultura cabeças eqüinos e asininos cabeças ovinos cabeças pecuária bovina mista (produção de carne e leite) unid. pescado captura t. piscicultura t. ranicultura t. sericicultura t. suínos criação cabeças outros animais cabeças 5 Atividade: Pecuária Finalidade: Custeio 2 Beneficiamento ou industrialização EMPREENDIMENTO NÚMERO-CÓDIGO QUANTIDADE

23 MCR 7 DOCUMENTO Nº 9 carnes t. couros verdes, peles e produtos afins t. lã t. lactinícios t. mel t. pescados t. suínos t. outros produtos n. e sacaria e/ou material de acondicionamento milhares 5 Atividade: Pecuária Finalidade: Custeio 4 Outras aplicações de custeio EMPREENDIMENTO NÚMERO-CÓDIGO aviação agrícola pastagens (bovinos-leite) pastagens (bovinos-carne) manutenção do produtor e sua família outras aplicações de custeio Atividade: Pecuária Finalidade: Investimento 1 Aquisição de animais EMPREENDIMENTO NÚMERO-CÓDIGO QUANTIDADE aquisição de pecuária bovina mista (prod. de carne e leite) unid. apicultura (abrangendo a compra de abelhas, isoladamente ou em colméia) unid. avicultura (abrangendo a compra de aves e ovos) unid. bovinos-produção de leite reprodutores (touros e tourinhos para povoamento) unid. bovinos - produção de leite - aquisição em unid.

24 MCR 7 DOCUMENTO Nº 9 exposição-feira - reprodutores (touros e tourinhos para povoamento) bovinos - produção de leite-matrizes (vacas e crias fêmeas para povoamento) unid. bovinos - produção de leite-aquisição em exposição-feira - matrizes (vacas e crias fêmeas para povoamento) unid. bovinos - produção de carne - reprodutores (touros e tourinhos para povoamento) unid. bovinos produção de carne aquisição em exposição-feira reprodutores (touros e tourinhos para repovoamento) unid. bovinos produção de carne-matrizes (vacas e crias fêmeas para povoamento) unid. bovinos-produção de carne-aquisição em exposição-feira-matrizes (vacas e crias fêmeas para povoamento) unid. bovinos-produção de carne-aquisição para estocagem de boi em pé unid. bovinos- produção de carne-bezerros (bezerros para recriação) unid. bovinos-produção de carne-aquisição para engorda em confinamento ou invernada unid. búfalos unid. caprinos unid. eqüinos e asininos unid. ovinos unid. piscicultura unid. suínos unid. outros animais n.e unid. bovinos-produção de leite (aquisição ou importação de reprodutores de alta linhagem) unid. bovinos-produção de carne (aquisição ou importação de reprodutores de alta linhagem) unid. ovinos (aquisição ou importação de reprodutores de alta linhagem) unid.

25 MCR 7 DOCUMENTO Nº 9 suínos (aquisição ou importação de reprodutores de alta linhagem) unid. outros animais (aquisição ou importação de reprodutor de alta linhagem) unid. 6 Atividade: Pecuária Finalidade: Investimento 2 Melhoramento das explorações EMPREENDIMENTO NÚMERO-CÓDIGO ÁREA/QUANT. adubação intensiva do solo ha armazém (construção ou reforma, abrangendo a compra de aparelhagem necessária ao expurgo e defesa dos produtos guardados) correção intensiva do solo ha depósito, galpão, paiol, tulha, estufa e instalações congêneres (construção ou reforma, abrangendo a compra de aparelhagem necessária ao expurgo e defesa dos produtos guardados) desbravamento de glebas rurais (abrange a abertura de estradas internas, desmatamento e dastocamento) ha eletrificação rural (abrange a instalação de força e luz elétricas nas benfeitorias que necessitem desse melhoramento) escolas rurais (abrange a compra de equipamento necessário ao seu adequado funcionamento) granjas avícolas (abrange a compra de aquipamento necessário à sua adequada função) instalações para industrialização e beneficiamento (abrange a compra de maquinaria necessária ao seu funcionamento-balanças, prensas, debulhadores, descascadores, picadores de forragens, moinhos, secadores, máquinas de beneficiar, etc., peças e acessórios) irrigação (construção ou reforma de açudes, abertura de poços e de canais de irrigação. Abrange, ainda, a compra de aparelhagem necessária aos serviços de irrigação-motores, bombas, giroscópios aspersores, válvulas aspersoras, etc., peças e acessórios)

26 MCR 7 DOCUMENTO Nº 9 pastagens (formação ou restauração de pastagens) ha proteção do solo (obras de recuperação e proteção do solo através de terraplenagem, drenagem e plantio de espécies vegetais para fixação do solo e sombreamento) residências rurais (construção ou reforma) silo (construção ou reforma, abrangendo a compra de aparelhagem necessária ao expurgo e defesa dos produtos guardados) suinocultura (abrange a compra de equipamento necessário à sua adequada função) (*) sirgarias (abrange a compra de equipamento adequado ao seu funcionamento) unid. outros sistemas de captação, retenção e aproveitamento de água (cisternas, berreiros ou tanques, implúvios, caixilhos, barragens subterrâneas, gotejamento, cápsulas porosas ou potejamento e outros sistemas de armazenamento e utilização de água, exceto açudes, poços e canais de irrigação) outros melhoramentos n.e. (cercas, garagens, terreiros, currais, maternidades, estábulos, banheiros, carrapaticidas e sarnicidas, bebedouros, instalações para apicultura, cunicultura, piscicultura, chiqueiros, etc.) Atividade: Pecuária Finalidade: Investimento 3 Máquinas, aparelhos e equipamentos EMPREENDIMENTO NÚMERO-CÓDIGO QUANTIDADE reformas de máquinas, aparelhos, equipamentos e veículos, compra de peças e acessórios máquinas, aparelhos e instrumentos para explorações pecuárias (ordenhadores, tosquiadores, batedeiras de leite, desnatadeiras, vasilhames, resfriadores de leite, etc.) máquinas e implementos de adaptação do solo (destocadores, destorroadores, niveladores, terraceadores, etc.) máquinas e implementos de preparação do solo (arados de tração animal, aivecas, arados de

27 MCR 7 DOCUMENTO Nº 9 tração mecânica, grades de disco, etc.) máquinas e implementos de cultivação do solo (enxadas rotativas, plantadeiras, semeadeiras, etc.) máquinas e implementos de correção do solo e combate às pragas (distribuidores de calcários e de fertilizantes, nebulizadores, pulverizadores, vaporizadores, insufladores, etc.) máquinas e implementos para colheita (ancinhos mecânicos, ceifeiras, ceifeiras-atadeiras, segadeiras, trilhos, trilhadeiras, etc.) colheitadeiras automotrizes nacionais unid. colheitadeiras automotrizes importadas unid. cultivadores motorizados (micro-tratores) unid. patrulha mecanizada-tratores nacionais unid. patrulha mecanizada-tratores importados unid. patrulha mecanizada-colheitadeiras nacionais unid. patrulha mecanizada-colheitadeiras importadas unid. patrulha mecanizada-outras máquinas nacionais unid. patrulha mecanizada-outras máquinas importadas unid. tratores nacionais unid. tratores importados unid. 6 Atividade: Pecuária Finalidade: Investimento 4 Veículos EMPREENDIMENTO NÚMERO-CÓDIGO QUANTIDADE aviões (aeronaves de pequeno porte) unid. caminhões unid. camionetas unid. carretas-carroças unid. embarcações (pequenas embarcações) unid. utilitários (jipes e semelhantes) unid. outros veículos n.e unid.

28 MCR 7 DOCUMENTO Nº 9 6 Atividade: Pecuária Finalidade: Investimento 5 Animais de serviço EMPREENDIMENTO NÚMERO-CÓDIGO QUANTIDADE animais de serviço unid. 6 Atividade: Pecuária Finalidade: Investimento 6 Outras aplicações de investimento EMPREENDIMENTO NÚMERO-CÓDIGO QUANTIDADE outras aplicações de investimento Atividade: Pecuária Finalidade: Comercialização (exceto desconto) 1 Empréstimos do Governo Federal para garantia de preços mínimos (EGF) EMPREENDIMENTO NÚMERO-CÓDIGO QUANTIDADE Carne suína barriga congelada com costela kg bruto barriga congelada sem costela kg bruto banha ou toucinho (qualquer tipo) kg bruto carcaça (meia/qualquer tipo) congelada kg bruto carré congelado kg bruto costela congelada kg bruto lombo congelado kg bruto orelha/pé congelados kg bruto paleta congelada kg bruto pernil congelado kg bruto Frango frango kg bruto Lácteos leite em pó desnatado kg líquido leite em pó integral kg líquido

29 MCR 7 DOCUMENTO Nº 9 manteiga sem sal kg líquido queijos kg líquido Pescado castanha kg líquido cavalinha kg líquido corvina kg líquido enchova kg líquido pescada kg líquido pescadinha kg líquido rosado kg líquido sardinha kg líquido sardinha enlatada lata tainha kg líquido Seda casulo verde kg bruto casulo seco kg líquido fio de seda kg líquido Sacaria de polietileno sacaria de polietileno, nova (lisa) unid. sacaria de polietileno, nova (telada) unid. sacaria de polietileno, nova (valvulada) unid. Sacaria de polipropileno sacaria de polipropileno, nova (100 g) unid. sacaria de polipropileno, nova (120 g) unid. 7 Atividade: Pecuária Finalidade: Comercialização (exceto desconto) 2 Pré-comercialização EMPREENDIMENTO NÚMERO-CÓDIGO QUANTIDADE apicultura t. avicultura-carne t.

30 MCR 7 DOCUMENTO Nº 9 avicultura-crias mil cabeças avicultura-ovos mil dúzias bovinos-leite cabeças bovinos-carne cabeças búfalos (bubalinos) cabeças caprinos cabeças cunicultura cabeças eqüinos e asininos cabeças ovinos cabeças pesca t. sericicultura t. suínos cabeças outros animais cabeças 9 Atividade: Outras Atividades 1 Créditos a cooperativas (*) EMPREENDIMENTO NÚMERO-CÓDIGO adiantamento a cooperados fornecimento a cooperados aquisição de bens para prestação de serviços antecipação de recursos de taxa de retenção integralização de quotas-partes repasses a cooperados

31 CÓDIGOS DE MUNICÍPIOS UF ACRE CÓDIGO MUNICÍPIO ASSIS BRASIL BRASILEIA CRUZEIRO DO SUL FEIJO MANCIO LIMA MANOEL URBANO PLACIDO DE CASTRO RIO BRANCO SENA MADUREIRA SENADOR GUIOMARD TARAUACA XAPURI U F ALAGOAS CÓDIGO MUNICÍPIO ÁGUA BRANCA ANADIA ARAPIRACA ATALAIA BARRA DE SANTO ANTONIO BARRA DE SÃO MIGUEL BATALHA BELÉM BELO MONTE BOCA DA MATA BRANQUINHA CACIMBINHAS CAJUEIRO

32 32999 CAMPO ALEGRE CAMPO GRANDE CANAPI CAPELA CARNEIROS CHÃ PRETA COITE DO NOIA COLONIA LEOPOLDINA COQUEIRO SECO CORURIPE CRAIBAS DELMIRO GOUVEIA DOIS RIACHOS FEIRA GRANDE FELIZ DESERTO FLEXEIRAS GIRAU DO PONCIANO IBATEGUARA IGACI IGREJA NOVA INHAPI JACARE DOS HOMENS JACUIPE JAPARATINGA JARAMATAIA JOAQUIM GOMES JUNDIA JUNQUEIRO LAGOA DA CANOA LIMOEIRO DE ANADIA

33 11257 MACEIÓ MAJOR ISIDORO MAR VERMELHO MARAGOGI MARAVILHA MARECHAL DEODORO MARIBONDO MATA GRANDE MATRIZ DE CAMARAGIBE MESSIAS MINADOR DO NEGRÃO MONTEIROPOLIS MURICI NOVO LINO OLHO D AGUA DAS FLORES OLHO D AGUA DO CASADO OLHO D AGUA GRANDE OLIVENCA OURO BRANCO PALESTINA PALMEIRA DOS INDIOS PÃO DE AÇUCAR PASSO DE CAMARAGIBE PAULO JACINTO PENEDO PIACABUÇU PILAR PINDOBA PIRANHAS POÇO DAS TRINCHEIRAS

34 35116 PORTO CALVO PORTO DE PEDRAS PORTO REAL DO COLEGIO QUEBRANGULO RIO LARGO ROTEIRO SANTA LUZIA DO NORTE SANTANA DO IPANEMA SANTANA DO MUNDAU SÃO BRAS SÃO JOSE DA LAJE SÃO JOSE DA TAPERA SÃO LUIS DO QUITUNDE SÃO MIGIJEL DOS CAMPOS SÃO MIGUEL DOS MILAGRES SÃO SEBASTIÃO SATUBA TANQUE D ARCA TAQUARANA TRAIPU UNIÃO DOS PALMARES VIÇOSA UF AMAPÁ CÓDIGO MUNICÍPIO AMAPÁ CALÇOENE MACAPA MAZAGÃO OIAPOQUE UF AMAZONAS

35 CÓDIGO MUNICÍPIO ALVARÃES AMATARI AMATURA ANAMA ANORI APUI ATALAIA DO NORTE AUTAZES AUXILIADORA AXININ BARCELOS BARREIRINHA BENJAMIN CONSTANT BERURI BITTENCOURT BOA VISTA DO RAMOS BOCA DO ACRE BORBA CAAPIRANGA CAMARUÃ CANAMARI CANUTAMA CARAUARI CAREIRO COARI CODAJAS EIRUNEPE ENVIRA ESTIRÃO DO EQUADOR

36 12971 FONTE BOA HUMAITA IAUARETE IPIXUNA IRANDUBA ITACOATIARA ITAMARATI ITAPIRANGA JAPURA JURUA JUTAI LABREA MANACAPURU MANAQUIRI MANAUS MANICORE MARAÃ MAUES MOURA NHAMUNDA NOVA OLINDA DO NORTE NOVO AIRÃO NOVO ARIPUANÃ PARINTINS PAUINI PRESIDENTE FIGUEIREDO RIO PRETO DA EVA SANTA ISABEL DO RIO NEGRO SANTO ANTONIO DO IÇA SÃO GABRIEL DA CACHOEIRA

37 27911 SÃO PAULO DE OLIVENÇA SÃO SEBASTIÃO DO UATUMÃ SILVES SUCUNDURI TARATINGA TAMANIQUA TAPAUA TEFE TONANTINS UARINI URUCARA URUCURITUBA UF BAHIA CÓDIGO MUNICÍPIO ABAIRA ABARE ACAJUTIBA ÁGUA FRIA ÁGUA QUENTE AIQUARA ALAGOINHAS ALCOBAÇA ALMADINA AMARGOSA AMELIA RODRIGUES ANABE ANADARAI ANGICAL ANGUERA ANTAS

38 21333 ANTONIO CARDOSO ANTONIO GONÇALVES APORA ARACATU ARACI ARAMARI ARATUIPE AURELINO LEAL BAIANOPOLIS BAIXA GRANDE BARRA BARRA DA ESTIVA BARRA DO CHOÇA BARRA DO MENDES BARRA DO ROCHA BARREIRAS BARRO PRETO BELMONTE BELO CAMPO BIRITINGA BOA NOVA BOA VISTA DO TUPIM BOM JESUS DA LAPA BONINAL BOQUIRA BOTUPORÃ BREJÕES BREJOLANDIA BROTAS DE MACAUBAS BRUMADO

39 36074 BUERAREMA CAATIBA CACHOEIRA CACULE CAEM CAETITE CAFARNAUM CAIRU CALDEIRÃO GRANDE CAMACAN CAMAÇARI CAMAMU CAMPO ALEGRE DE LOURDES CAMPO FORMOSO CANAPOLIS CANARANA CANAVIEIRAS CANDEAL CANDEIAS CANDIBA CANDIDO SALES CANSANÇÃO CARAVELAS CARDEAL DA SILVA CARINHANHA CASA NOVA CASTRO ALVES CATOLANDIA CATU CENTRAL

40 05830 CHORROCHO CICERO DANTAS CIPO COARACI COCOS CONCEIÇÃO DA FEIRA CONCEIÇÃO DO ALMEIDA CONCEIÇÃO DO COITE CONCEIÇÃO DO JACUIPE CONDE CONDEUBA CONTENDAS DO SINCORA CORAÇÃO DE MARIA CORDEIROS CORIBE CORONEL JOÃO SA CORRENTINA COTEGIPE CRAVOLANDIA CRISOPOLIS CRISTOPOLIS CRUZ DAS ALMAS CURAÇA DARIO MEIRA DOM BASILIO DOM MACEDO COSTA ELISIO MEDRADO ENCRUZILHADA ENTRE RIOS ESPLANADA

41 22806 EUCLIDES DA CUNHA FEIRA DE SANTANA FIRMINO ALVES FLORESTA AZUL FORMOSA DO RIO PRETO GANDU GENTIO DO OURO GLORIA GONGOGI GOVERNADOR MANGABEIRA GUANAMBI GUARATINGA IAÇU IBIASSUCE IBICARAI IBICOARA IBICUI IBIPEBA IBIPITANGA IBIQUERA IBIRAPITANGA IBIRAPUÃ IBIRATAIA IBITIARA IBITITA IBOTIRAMA ICHU IGAPORÃ IGUAI ILHEUS

42 30166 INHAMBUPE IPECAETA IPIAU IPIRA IPUPIARA IRAJUBA IRAMAIA IRAQUARA IRARA IRECE ITABERABA ITABUNA ITACARE ITAETE ITAGI ITAGIBA ITAGIMIRIM ITAJU DO COLONIA ITAJUIPE ITAMARAJU ITAMARI ITAMBE ITANAGRA ITANHEM ITAPARICA ITAPE ITAPEBI ITAPETINGA ITAPICURU ITAPITANGA

43 09568 ITAQUARA ITARANTIM ITIRUÇU ITIUBA ITORORO ITUAÇU ITUBERA JACARACI JACOBINA JAGUAQUARA JAGUARARI JAGUARIPE JANDAIRA JEQUIE JEREMOABO JIQUIRIÇA JITAUNA JUAZEIRO JUSSARA JUSSIAPE LAFAIETE COUTINHO LAJE LAJEDÃO LAJEDINHO LAMARÃO LAURO DE FREITAS LENÇOIS LICINIO DE ALMEIDA LIVRAMENTO DO BRUMADO MACAJUBA

44 15095 MACARANI MACAUBAS MACURURE MAIQUINIQUE MAIRI MALHADA MALHADA DE PEDRAS MANOEL VITORINO MARACAS MARAGOGIPE MARAU MARCIONILIO SOUZA MASCOTE MATA DE SÃO JOÃO MEDEIROS NETO MIGUEL CALMON MILAGRES MIRANGABA MONTE SANTO MORPARA MORRO DE CHPEU MORTUGABA MUCUGE MUCURI MUNDO NOVO MUNIZ FERREIRA MURITIBA MUTUIPE NAZARE NILO PEÇANHA

45 35147 NOVA CANAÃ NOVA ITARANA NOVA SOURE NOVA VIÇOSA OLINDINA OLIVEIRA DOS BREJINHOS OURICANGAS PALMAS DE MONTE ALTO PALMEIRAS PARAMIRIM PARATINGA PARIPIRANGA PAU BRASIL PAULO AFONSO PEDRÃO PEDRO ALEXANDRE PIATÃ PILÃO ARCADO PINDAI PINDOBAÇU PIRIPA PIRITIBA PLANALTINO PLANALTO POÇÕES POJUCA PORTO SEGURO POTIRAGUA PRADO PRESIDENTE DUTRA

46 04295 PRESIDENTE JANIO QUADROS QUEIMADAS QUIJINGUE REMANSO RETIROLANDIA RIACHÃO DAS NEVES RIACHÃO DO JACUIPE RICHAO DE SANTANA RIBEIRA DO AMPARO RIBEIRA DO POMBAL RIO DE CONTAS RIO DO ANTONIO RIO DO PIRES RIO REAL RODELAS RUY BARBOSA SALINAS DA MARGARIDA SALVADOR SANTA BARBARA SANTA BRIGIDA SANTA CRUZ CABRALIA SANTA CRUZ DA VITORIA SANTA INES SANTA MARIA DA VITORIA SANTA RITA DE CASSIA SANTA TERESINHA SANTALUZ SANTANA SANTANOPOLIS SANTO AMARO

47 24165 SANTO ANTONIO DE JESUS SANTO ESTEVÃO SÃO DESIDERIO SÃO FELIPE SÃO FELIX SÃO FRANCISCO DO CONDE SÃO GONÇALO DOS CAMPOS SÃO MIGUEL DAS MATAS SÃO SEBASTIÃO DO PASSE SAPEAÇU SATIRO DIAS SAUDE SEABRA SEBASTIÃO LARANJEIRAS SENHOR DO BONFIM SENTO SE SERRA DOURADA SERRA PRETA SERRINHA SERROLANDIA SIMÕES FILHO SOUTO SOARES TABOCAS DO BREJO VELHO TANHAÇU TANQUINHO TAPEROA TAPIRAMUTA TEODORO SAMPAIO TEOFILANDIA TEOLANDIA

48 34007 TERRA NOVA TREMEDAL TUCANO UAUA UBAIRA UBAITADA UBATÃ UIBAI UNA URANDI URUCUCA UTINGA VARZEA DO POÇO VERA CRUZ VITORIA DA CONQUISTA WAGNER WENCESLAU GUIMARÃES XIQUE-XIQUE UF CEARA CODIGO MUNICIPIO ABAIARA ACARAU ACOPIARA AIUABA ALCANTARAS ALTANEIRA ALTO SANTO ANTONINA DO NORTE APUIARES AQUIRAZ

49 26723 ARACATI ARACOIABA ARARIPE ARATUBA ARNEIROZ ASSARE AURORA BAIXIO BARBALHA BARRO BATURITE BEBERIBE BELA CRUZ BOA VIAGEM BREJO SANTO CAMOCIM CAMPOS SALES CANINDE CAPISTRANO CARIDADE CARIRE CARIRIAÇU CARIUS CARNAUBAL CASCAVEL CATARINA CAUCAIA CEDRO CHAVAL COREAU

50 17804 CRATEUS CRATO FARIAS BRITO FORTALEZA FRECHEIRINHA GENERAL SAMPAIO GRANJA GRANJEIRO GUARACIABA DO NORTE GUARAMIRANGA HIDROLANDIA IBIAPINA ICO IGUATU INDEPENDENCIA IPAUMIRIM IPUEIRAS IRACEMA IRAUÇUBA ITAIÇABA ITAPAGE ITAPIPOCA ITAPIUNA ITATIRA JAGUARETAMA JAGUARIBARA JAGUARIBE JAGUARUANA JARDIM JATI

51 04848 JUAZEIRO DO NORTE LUCAS LAVRAS DA MANGABEIRA LIMOEIRO DO NORTE MARANGUAPE MARÇO MARTINOPOLE MASSAPE MAURITI MERUOCA MILAGRES MISSÃO VELHA MOMBAÇA MONSENHOR TABOSA MORADA NOVA MORAUJO MORRINHOS MUCAMBO MULUNGU NOVA OLINDA NOVA RUSSAS NOVO ORIENTE OROS PACAJUS PACATUBA PACOTI PACUJA PALHANO PALMACIA PARACURU

52 28783 PARAMBU PARAMOTI PEDRA BRANCA PENAFORTE PENTECOSTE PEREIRO PIQUET CARNEIRO PORANGA PORTEIRAS POTENGI QUIXADA QUIXERAMOBIM QUIXERE REDENÇÃO RERIUTABA RUSSAS SABOEIRO SANTA QUITERIA SANTANA DO ACARAU SANTANA DO CARIRI SÃO BENEDITO SÃO GONÇALO DO AMARANTE SÃO JOÃO DO JAGUARIBE SÃO LUIS DO CURU SENADOR POMPEU SENADOR SA SOBRAL SOLONOPOLE TABULEIRO DO NORTE TAMBORIL

53 14151 TAUA TIANGUA TRAIRI UBAJARA UMARI URUBURETAMA URUOCA VARZEA ALEGRE VIÇOSA DO CEARÁ UF DISTRITO FEDERAL CÓDIGO MUNICÍPIO BRASÍLIA UF ESPÍRITO SANTO CÓDIGO MUNICÍPIO AFONSO CLAUDIO ALEGRE ALFREDO CHAVES ANCHIETA APIAÇA ARACRUZ ATTILIO VIVACQUA BAIXO GUANDU BARRA DE SÃO FRANCISCO BOA ESPERANÇA BOM JESUS DO NORTE CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM CARIACICA CASTELO COLATINA CONCEIÇÃO DA BARRA

54 39521 CONCEIÇÃO DO CASTELO DIVINO DE SÃO LOURENÇO DOMINGOS MARTINS DORES DO RIO PRETO ECOPORANGA FUNDÃO GUAÇUI GUARAPARI IBATIBA IBIRAÇU ICONHA ITAGUAÇU ITAPEMIRIM ITARANA IUNA JAGUARE JERONIMO MONTEIRO LINHARES MANTENOPOLIS MARILANDIA MIMOSO DO SUL MONTANHA MUCURICI MUNIZ FREIRE MUQUI NOVA VENECIA PANCAS PINHEIROS PIUMA PRESIDENTE KENNEDY

55 41337 RIO BANANAL RIO NOVO DO SUL SANTA LEOPOLDINA SANTA TERESA SÃO GABRIEL DA PALHA SÃO JOSE DO CALÇADO SÃO MATEUS SERRA VIANA VILA VELHA VITORIA UF FERNANDO DE NORONHA CÓDIGO MUNICÍPIO FERNANDO DE NORONHA UF GOIÁS CÓDIGO MUNICÍPIO ABADIANIA ACREUNA ÁGUA LIMPA ALEXANIA ALMAS ALOANDIA ALTO PARAISO DE GOIAS ALVORADA ALVORADA DO NORTE AMERICANO DO BRASIL AMORINOPOLIS ANANAS ANAPOLIS ANHANGUERA

56 25762 ANICUNS APARECIDA DE GOIANIA APORE ARAÇU ARAGARÇAS ARAGOIANIA ARAGUACEMA ARAGUAÇU ARAGUAINA ARAGUAPAZ ARAGUATINS ARAPOEMA ARENOPOLIS ARRAIAS ARUANÃ AUGUSTINOPOLIS AURILANDIA AURORA DO NORTE AVELINOPOLIS AXIXA DE GOIAS BADAÇULANDIA BALIZA BARRO ALTO BELA VISTA DE GOIAS BOM JARDIM DE GOIAS BOM JESUS DE GOIAS BRAZABRANTES BREJINHO DE NAZARE BRITANIA BURITI ALEGRE

57 27825 CABECEIRAS CACHOEIRA ALTA CACHOEIRA DE GOIAS CACHOEIRA DOURADA CAÇU CAIAPONIA CALDAS NOVAS CAMPESTRE DE GOIAS CAMPINAÇU CAMPINORTE CAMPO ALEGRE DE GOIAS CAMPOS BELOS CARMO DO RIO VERDE CATALÃO CATURAI CAVALCANTE CERES COLINAS DE GOIAS COLMEIA CONCEIÇÃO DO NORTE CORREGO DO OURO CORUMBA DE GOIAS CORUMBAIBA COUTO MAGALHÃES CRISTALANDIA CRISTALINA CRISTIANOPOLIS CRIXAS CROMINIA CUMARI

58 36658 DAMIANOPOLIS DAMOLANDIA DAVINOPOLIS DIANOPOLIS DIORAMA DOIS IRMÃOS DE GOIAS DOVERLANDIA DUERE EDEIA ESTRELA DO NORTE FATIMA FAZENDA NOVA FIGUEIROPOLIS FILADELFIA FIRMINOPOLIS FLORES DE GOIAS FORMOSA FORMOSO FORMOSO DO ARAGUAIA GALHEIROS GOIANAPOLIS GOIANDIRA GOIANESIA GOIANIA GOIANIRA GOIAS GOIATINS GOIATUBA GUAPO GUARAI

59 18487 GUARANI DE GOIAS GURUPI HEITORAI HIDROLANDIA HIDROLINA IACIARA INDIARA INHUMAS IPAMERI IPORA ISRAELANDIA ITABERAI ITACAJA ITAGUARU ITAGUATINS ITAJA ITAPACI ITAPIRAPUÃ ITAPORÃ DE GOIAS ITAPURANGA ITARUMÃ ITAUÇU ITUMBIARA IVOLANDIA JANDAIA JARAGUA JATAI JAUPACI JOVIANIA JUSSARA

60 16180 LEOPOLDO DE BULHÕES LIZARDA LUZIANIA MAIRIPOTABA MAMBAI MARA ROSA MARZAGÃO MAURILANDIA MINAÇU MINEIROS MIRACEMA DO NORTE MIRANORTE MIOIPORA MONTE ALEGRE DE GOIAS MONTE DO CARMO MONTES CLAROS DE GOIAS MORRINHOS MOSSAMEDES MOZARLANDIA MUNDO NOVO MUTUNOPOLIS NATIVIDADE NAZARE NAZARIO NEROPOLIS NIQUELANDIA NOVA AMERICA NOVA AURORA NOVA CRIXAS NOVA GLORIA

61 40912 NOVA OLINDA NOVA ROMA NOVA VENEZA NOVO ACORDO NOVO BRASIL ORIZONA OURO VERDE DE GOIAS OUVIDOR PADRE BERNARDO PALMEIRAS DE GOIAS PALMEIROPOLIS PALMELO PALMINOPOLIS PANAMA PARAISO DO NORTE DE GOIAS PARANAIGUARA PARAUNA PEDRO AFONSO PEIXE PETROLINA DE GOIAS PILAR DE GOIAS PINDORAMA DE GOIAS PIRACANJUBA PIRANHAS PIRENOPOLIS PIRES DO RIO PIUM PLANALTINA PONTALINA PONTE ALTA DO BOM JESUS

62 34801 PONTE ALTA DO NORTE PORANGATU PORTELANDIA PORTO NACIONAL POSSE PRESIDENTE KENNEDY QUIRINOPOLIS RIALMA RIANAPOLIS RIO SONO RIO VERDE RUBIATABA SANCLERLANDIA SANTA BARBARA DE GOIAS SANTA CRUZ DE GOIÁS SANTA HELENA DE GOIAS SANTA ISABEL SANTA RITA DO ARAGUAIA SANTA ROSA DE GOIÁS SANTA TEREZA DE GOIÁS SANTA TEREZINHA DE GOIÁS SANTO ANTONIO DO DESCOBERTO SÃO DOMINGOS SÃO FRANCISCO DE GOIAS SÃO JOÃO D ALIANÇA SÃO LUIS DE MONTES BELOS SÃO MIGUEL DO ARAGUAIA SÃO SEBASTIÃO DO TOCANTINS SÃO SIMÃO SERRANOPOLIS

63 29610 SILVANIA SILVANOPOLIS SITIO D ABADIA SITIO NOVO DE GOIAS TAGUATINGA TAQUARAL DE GOIAS TOCANTINIA TOCANTINOPOLIS TRES RANCHOS TRINDADE TURVANIA URUAÇU URUANA URUTAI VARJÃO VIANOPOLIS VICENTINOPOLIS WANDERLANDIA XAMBIOA U F MARANHÃO CÓDIGO MUNICÍPIO AÇAILANDIA AFONSO CUNHA ALCANTARA ALDEIAS ALTAS ALTAMIRA DO MARANHÃO ALTO PARNAIBA AMARANTE DO MARANHÃO ANAJATUBA ANAPURUS

64 13437 ARAIOSES ARARI AXIXA BACABAL BACURI BALSAS BARÃO DE GRAJAU BARRA DO CORDA BARREIRINHAS BENEDITO LEITE BEQUIMÃO BOM JARDIM BREJO BURITI BURITI BRAVO CAJAPIO CAJARI CANDIDO MENDES CANTANHEDE CAROLINA CARUTAPERA CAXIAS CEDRAL CHAPADINHA CODO COELHO NETO COLINAS COROATA CURURUPU DOM PEDRO

65 06705 DUQUE BACELAR ESPERANTINOPOLIS ESTREITO FORTALEZA DOS NOGUEIRAS FORTUNA GODOFREDO VIANA GONÇALVES DIAS GOVERNADOR ARCHER GOVERNADOR EUGENIO BARROS GRAÇA ARANHA GRAJAU GUIMARÃES HUMBERTO DE CAMPOS ICATU IGARAPE GRANDE IMPERATRIZ ITAPECURU MIRIM JOÃO LISBOA JOSELANDIA LAGO DA PEDRA LAGO DO JUNCO LAGO VERDE LIMA CAMPOS LORETO LUIS DOMINGUES MAGALHÃES DE ALMEIDA MATA ROMA MATINHA MATÕES MIRADOR

SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À POBREZA - SEDES SUPERINTENDÊNCIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL - SAS

SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À POBREZA - SEDES SUPERINTENDÊNCIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL - SAS SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À POBREZA - SEDES SUPERINTENDÊNCIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL - SAS G O E O R S MUNICÍPIOS R D T T P SERVIÇO DE ATENDIMENTO ESPECIALIZADO A FAMÍLIAS E INDIVÍDUO

Leia mais

Total de homens Total de mulheres

Total de homens Total de mulheres Nome do população população 2900108 Abaíra 9.067 4.088 4.236 3.744 4.580 8.324 2900207 Abaré 13.648 8.566 8.506 9.035 8.037 17.072 2900306 Acajutiba 14.322 7.300 7.530 12.786 2.044 14.830 2900355 Adustina

Leia mais

ESTADO DO CEARÁ TRIBUNAL DE CONTAS DOS MUNICÍPIOS SECRETARIA

ESTADO DO CEARÁ TRIBUNAL DE CONTAS DOS MUNICÍPIOS SECRETARIA Abaiara Acarape Acarau Acopiara Aiuaba Alcantaras Altaneira Alto Santo Amontada Antonina do Norte Apuiares Aquiraz Aracati Aracoiaba Ararenda Araripe Aratuba Arneiroz Assare Aurora Baixio Banabuiu Barbalha

Leia mais

VACINA CONTRA HEPATITE B DOSES APLICADAS EM MENORES DE 20 ANOS, COBERTURA VACINAL E POPULAÇÃO A SER VACINADA POR ESTADO E MUNICÍPIO - 1994 A 2007

VACINA CONTRA HEPATITE B DOSES APLICADAS EM MENORES DE 20 ANOS, COBERTURA VACINAL E POPULAÇÃO A SER VACINADA POR ESTADO E MUNICÍPIO - 1994 A 2007 DOSES APLICADAS EM MENORES DE, E A SER VACINADA POR ESTADO E MUNICÍPIO - 1994 A 2007 2300101 ABAIARA 2300150 ACARAPE 2300200 ACARAU 2300309 ACOPIARA 2300408 AIUABA 2300507 ALCANTARAS 2300606 ALTANEIRA

Leia mais

Módulo introdutório de Formação dos Orientadores de Estudo INSTITUIÇÃO RESPONSÁVEL: Universidade Federal do Ceará PERÍODO:

Módulo introdutório de Formação dos Orientadores de Estudo INSTITUIÇÃO RESPONSÁVEL: Universidade Federal do Ceará PERÍODO: Módulo introdutório de dos Orientadores de Estudo 2300101 ABAIARA MUNICIPAL 2300150 ACARAPE MUNICIPAL 2300200 ACARAU MUNICIPAL 2300309 ACOPIARA MUNICIPAL 2300408 AIUABA MUNICIPAL 2300507 ALCANTARAS MUNICIPAL

Leia mais

MUNICÍPIO FONE OPM CRPM

MUNICÍPIO FONE OPM CRPM Nº MUNICÍPIO FONE OPM CRPM 1. ABADIA DE (62) 3503-1299, 9803-8345 (vtr) 22º BPM 2º CRPM 2. ABADIÂNIA (62)3343-1190 / 2075 34ª CIPM 3º CRPM 3. ACREÚNA (64) 3645-1266 / 1190 5ª CIPM 8º CRPM 4. ADELÂNDIA

Leia mais

ABAIARA 1.829.113,91 3.322.215,41 2.575.664,66 0,006896 0,203301 0,028554 0,009091 0,247842

ABAIARA 1.829.113,91 3.322.215,41 2.575.664,66 0,006896 0,203301 0,028554 0,009091 0,247842 SEFAZ-CE * RATEIO DO ICMS * PAGINA - 1 RTP00849 2A. PUBLICACAO EXERCICIO 2010 HORA - 08.12.46 ABAIARA 1.829.113,91 3.322.215,41 2.575.664,66 0,006896 0,203301 0,028554 0,009091 0,247842 ACARAPE 12.444.283,10

Leia mais

ABAIARA 1.944.660,79 1.829.113,91 1.886.887,35 0,006015 0,111396 0,029085 0,003817 0,150312

ABAIARA 1.944.660,79 1.829.113,91 1.886.887,35 0,006015 0,111396 0,029085 0,003817 0,150312 SEFAZ-CE * RATEIO DO ICMS * PAGINA - 1 RTP00849 2A. PUBLICACAO EXERCICIO 2009 HORA - 16.12.13 ABAIARA 1.944.660,79 1.829.113,91 1.886.887,35 0,006015 0,111396 0,029085 0,003817 0,150312 ACARAPE 14.645.466,74

Leia mais

AC Acrelândia 3 50400824442 17000001100 RADIO E TELEVISAO NORTE LTDA AC Assis Brasil 51 50400824604 17000001100 RADIO E TELEVISAO NORTE LTDA AC Brasiléia 9 50400824523 17000001100 RADIO E TELEVISAO NORTE

Leia mais

SECRETARIA DA EDUCAÇÃO DO ESTADO DA BAHIA - PROC. SELETIVO SIMPLIFICADO - 001/2009 - EDUCAÇÃO BÁSICA E TÉCNICOS CONCORRÊNCIA

SECRETARIA DA EDUCAÇÃO DO ESTADO DA BAHIA - PROC. SELETIVO SIMPLIFICADO - 001/2009 - EDUCAÇÃO BÁSICA E TÉCNICOS CONCORRÊNCIA SECRETARIA DA EDUCAÇÃO DO ESTADO DA BAHIA - PROC. SELETIVO SIMPLIFICADO - 001/2009 - EDUCAÇÃO BÁSICA E TÉCNICOS CONCORRÊNCIA COD FUNÇÃO LOCAL 1ªOPC VAGAS CONCOR. 301 NÍVEL FUNDAMENTAL - MOTORISTA ORGÃO

Leia mais

CONVÊNIOS - AGÊNCIAS COMUNITARIAS - BA

CONVÊNIOS - AGÊNCIAS COMUNITARIAS - BA Orgão superior (1) Ministerio das Comunicações Item(5) Beneficiario (Razão Social) ou Conveniado(6) CNPJ conveniado(7) CONVÊNIOS - AGÊNCIAS COMUNITARIAS - BA Orgão subordinado (2) Empresa Brasileira de

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS EM EMPREGOS DE NÍVEL SUPERIOR E DE NÍVEL MÉDIO EDITAL N.º 1 FESF, 04 DE FEVEREIRO DE 2010

CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS EM EMPREGOS DE NÍVEL SUPERIOR E DE NÍVEL MÉDIO EDITAL N.º 1 FESF, 04 DE FEVEREIRO DE 2010 EDITAL N.º 1 FESF, 04 DE FEVEREIRO DE 2010 CIRURGIÃO DENTISTA MACRORREGIÃO MICRORREGIÃO MUNICÍPIO EUNAPOLIS PORTO SEGURO ITAGIMIRIM EXTREMO-SUL TEIXEIRA DE FREITAS ITANHEM JUCURUCU SUL SUDOESTE OESTE ILHÉUS

Leia mais

SECRETARIA DE AGRICULTURA, PECUÁRIA, IRRIGAÇÃO, REFORMA AGRÁRIA, PESCA E AQUICULTURA SUPERINTENDÊNCIA DE POLÍTICA DO AGRONEGÓCIO

SECRETARIA DE AGRICULTURA, PECUÁRIA, IRRIGAÇÃO, REFORMA AGRÁRIA, PESCA E AQUICULTURA SUPERINTENDÊNCIA DE POLÍTICA DO AGRONEGÓCIO CHAPADA DIAMANTINA BAIXO SUL e Crescimento % do - Em casca - Toneladas AratuÍpe 20 17 10 9 Cairu - - - - Camamu - - - - Gandu 8 5 12 10 Ibirapitanga - - - - Igrapiúna - - - - Ituberá - - - - Jaguaripe

Leia mais

Relação das contas dos Fundos Municipais dos Direitos das Crianças e dos Adolescentes (FMDCA) do Estado de Goiás

Relação das contas dos Fundos Municipais dos Direitos das Crianças e dos Adolescentes (FMDCA) do Estado de Goiás Relação das contas dos Fundos Municipais dos Direitos das Crianças e dos Adolescentes (FMDCA) do Estado de Goiás Abadiânia Banco do Brasil 0324-7 441697-X Acreúna Banco do Brasil 0116-3 19.338-0 Águas

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO - BAHIA PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL 01/2009 EDUCAÇÃO BÁSICA E TÉCNICOS SÍNTESE DOS RECURSOS - ETAPA

SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO - BAHIA PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL 01/2009 EDUCAÇÃO BÁSICA E TÉCNICOS SÍNTESE DOS RECURSOS - ETAPA SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO - BAHIA PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL 01/2009 EDUCAÇÃO BÁSICA E TÉCNICOS SÍNTESE DOS RECURSOS - ETAPA Publicação das Notas Objetivas Inscrição Função Parecer 93238

Leia mais

Página 1. Quantidade de AF necessários para atender os 30% (6) Nº de Agricultores Familiares (3) Valor do Repasse do FNDE (1) Alunado (2)

Página 1. Quantidade de AF necessários para atender os 30% (6) Nº de Agricultores Familiares (3) Valor do Repasse do FNDE (1) Alunado (2) 2300101 ABAIARA 148.140,00 2.220 44.442 755 688 PAA Leite 5 2300150 ACARAPE 166.440,00 2.658 49.932 521 378 PAA Leite 6 2300200 ACARAU 1.058.700,00 13.767 317.610 4.477 938 PAA Leite/DS/CD 35 2300309 ACOPIARA

Leia mais

DECRETO Nº 14.346 DE 08 DE MARÇO DE 2013

DECRETO Nº 14.346 DE 08 DE MARÇO DE 2013 DECRETO Nº 14.346 DE 08 DE MARÇO DE 2013 Declara Situação de Emergência nas áreas dos Municípios afetados por Estiagem - COBRADE 1.4.1.1.0, conforme IN/MI 01/2012. O GOVERNADOR DO ESTADO DA BAHIA, no uso

Leia mais

CÓDIGOS DA BAHIA. Fonte: Anexo da resolução 263 de 08/06/2001

CÓDIGOS DA BAHIA. Fonte: Anexo da resolução 263 de 08/06/2001 CÓDIGOS DA BAHIA Fonte: Anexo da resolução 263 de 08/06/2001 UF MUNICÍPIO CÓDIGO DE ÁREA BA ABAÍRA 77 BA ABARÉ 75 BA ACAJUTIBA 75 BA ADUSTINA 75 BA ÁGUA FRIA 75 BA AIQUARA 73 BA ALAGOINHAS 75 BA ALCOBAÇA

Leia mais

GESTÃO À VISTA. Análise do Quantitativo de Médicos no Estado de Goiás

GESTÃO À VISTA. Análise do Quantitativo de Médicos no Estado de Goiás GESTÃO À VISTA Análise do Quantitativo de Médicos no Estado de Goiás Este trabalho analisa a situação de médicos totais, generalistas e especialistas no Estado de Goiás. A conclusão é que, de forma geral,

Leia mais

ABARE 28.648,09 18.445,18 0,00 5.353,00 52.446,27 215.446,42 ACAJUTIBA 29.929,88 26.421,24 0,00

ABARE 28.648,09 18.445,18 0,00 5.353,00 52.446,27 215.446,42 ACAJUTIBA 29.929,88 26.421,24 0,00 2012 JUNHO MUNICÍPIOS ICMS IPVA ITD TAXAS NO MES ATÉ O MES ABAIRA 19.852,38 20.730,61 0,00 379,00 40.961,99 157.355,25 ABARE 28.648,09 18.445,18 0,00 5.353,00 52.446,27 215.446,42 ACAJUTIBA 29.929,88 26.421,24

Leia mais

331.652,84 ABARE 30.044,85 26.767,78 0,00 7.427,40 64.240,03 431.476,61 ACAJUTIBA 19.646,06 35.743,14 20,00 603,56 56.012,76

331.652,84 ABARE 30.044,85 26.767,78 0,00 7.427,40 64.240,03 431.476,61 ACAJUTIBA 19.646,06 35.743,14 20,00 603,56 56.012,76 2013 AGOSTO Valores em R$1,00 MUNICÍPIOS ICMS IPVA ITD TAXAS NO MES ATÉ O MES ABAIRA 19.170,53 23.097,95 0,00 83,00 42.351,48 331.652,84 ABARE 30.044,85 26.767,78 0,00 7.427,40 64.240,03 431.476,61 ACAJUTIBA

Leia mais

NORTE CENTRO-NORTE CENTRO-LESTE SUDOESTE EXTREMO-SUL

NORTE CENTRO-NORTE CENTRO-LESTE SUDOESTE EXTREMO-SUL Juazeiro NORTE Paulo Afonso Senhor do Bonfim Irecê CENTRO-NORTE Jacobina Serrinha Ribeira do Pombal Alagoinhas NORDESTE Barreiras Ibotirama OESTE Santa Maria da Vitória Guanambi CENTRO-LESTE Seabra Itaberaba

Leia mais

AGUA FRIA 9.407,37 27.156,09 0,00 770,60 37.334,06 ALMADINA 2.434,54 11.702,97 0,00 445,00 14.582,51

AGUA FRIA 9.407,37 27.156,09 0,00 770,60 37.334,06 ALMADINA 2.434,54 11.702,97 0,00 445,00 14.582,51 2013 JUNHO MUNICÍPIOS ICMS IPVA ITD TAXAS NO MES ATÉ O MES ABAIRA 18.548,91 25.876,38 0,00 5,40 44.430,69 221.534,15 ABARE 33.893,13 22.666,65 0,00 2.999,40 59.559,18 298.235,22 ACAJUTIBA 24.606,08 32.908,34

Leia mais

REGIÕES ECONÔMICAS DO ESTADO DA BAHIA

REGIÕES ECONÔMICAS DO ESTADO DA BAHIA REGIÃO ECONÔMICA 1 Metropolitana de Salvador 1 Camaçari 2 Candeias 3 Dias D'Ávila 4 Itaparica 5 Lauro de Freitas 6 Madre de Deus 7 Salvador 8 São Francisco do Conde 9 Simões Filho 10 Vera Cruz REGIÃO ECONÔMICA

Leia mais

Governo federal lança Plano Safra para convivência com o Semiárido

Governo federal lança Plano Safra para convivência com o Semiárido Governo federal lança Plano Safra para convivência com o Semiárido O governo federal anuncia nesta quinta-feira (4) uma série de medidas especiais para o fortalecimento da produção agrícola e pecuária

Leia mais

ANEXO ÚNICO. ANEXO ÚNICO - RESOLUÇÃO Nº 10, de 21/09/2011. SEÇÃO JUDICIÁRIA ESTADO DA BAHIA

ANEXO ÚNICO. ANEXO ÚNICO - RESOLUÇÃO Nº 10, de 21/09/2011. SEÇÃO JUDICIÁRIA ESTADO DA BAHIA ANEXO ÚNICO - RESOLUÇÃO Nº 10, de 21/09/2011. SEÇÃO JUDICIÁRIA ESTADO DA BAHIA SUBSEÇÃO JUDICIÁRIA 1ª CENTRO-NORTE BAIANO REGIÃO CIRCUNSCRIÇÕES COMARCAS NÃO INSTALADAS FEIRA DE SANTANA Amélia Rodrigues

Leia mais

LEVANTAMENTO SOBRE LAI E PORTAIS DA TRANSPARÊNCIA NOS MUNICÍPIOS ALAGOANOS

LEVANTAMENTO SOBRE LAI E PORTAIS DA TRANSPARÊNCIA NOS MUNICÍPIOS ALAGOANOS MUNICÍPIO SITE SITUAÇÃO OBSERVAÇÃO ÁGUA http://www.aguabranca.al.gov.br/ BRANCA ANADIA www.prefeituradeanadia.com.br SITE NÃO ATIVO ARAPIRACA http://www.arapiraca.al.gov.br/v3/ SEM LAI Informações sobre

Leia mais

UF Município Micro-Região Classificação Tipo

UF Município Micro-Região Classificação Tipo CE Abaiara Brejo Santo Baixa Renda Estagnada CE Acarapé Baturité Baixa Renda Estagnada CE Acaraú Litoral de Camocim e Acaraú Baixa Renda Dinâmica CE Acopiara Sertão de Senador Pompeu Baixa Renda Dinâmica

Leia mais

ESTIMATIVAS DAS COTAS DO FPM ALAGOAS

ESTIMATIVAS DAS COTAS DO FPM ALAGOAS ESTIMATIVAS DAS COTAS DO FPM ALAGOAS Dezembro de e Janeiro e fevereiro de François E. J. de Bremaeker Rio de Janeiro, dezembro de ESTIMATIVAS DAS COTAS DO FPM ALAGOAS Dezembro de e Janeiro e fevereiro

Leia mais

QUADRO QUANTITATIVO DE FUNCIONÁRIOS POR SEÇÃO

QUADRO QUANTITATIVO DE FUNCIONÁRIOS POR SEÇÃO QUADRO QUANTITATIVO DE FUNCIONÁRIOS POR SEÇÃO DEPARTAMENTO QUANTIDADE DE FUNCIONÁRIOS OUVIDORIA 01 COMISSAO DE SELECAO E DAS SOCIEDADES DOS ADVOGADOS 05 COMISSAO DE ESTAGIO E EXAME DE ORDEM 01 SECRETARIA

Leia mais

NOVEMBRO 2008 Valor em R$ DENOMINAÇÃO I C M S ACUMUL I P I ACUMUL I P V A ACUMUL FIES ACUMUL FCBA ACUMUL No Mês Até o Mês ABAÍRA 87.030,40 931.

NOVEMBRO 2008 Valor em R$ DENOMINAÇÃO I C M S ACUMUL I P I ACUMUL I P V A ACUMUL FIES ACUMUL FCBA ACUMUL No Mês Até o Mês ABAÍRA 87.030,40 931. NOVEMBRO 2008 Valor em R$ DENOMINAÇÃO I C M S ACUMUL I P I ACUMUL I P V A ACUMUL FIES ACUMUL FCBA ACUMUL No Mês Até o Mês ABAÍRA 87.030,40 931.586,99 1.993,35 22.690,98 3.105,08 51.820,05 3.623,05 34.764,88

Leia mais

UF Município Micro-Região Classificação Tipo

UF Município Micro-Região Classificação Tipo BA Abaíra Seabra Baixa Renda Estagnada BA Abaré Paulo Afonso Média Renda Inferior Estagnada BA Acajutiba Alagoinhas Média Renda Inferior Estagnada BA Adustina Ribeira do Pombal Baixa Renda Dinâmica BA

Leia mais

Anexo 6.4.1-8 Origem dos Insumos para a Produção Agropecuária

Anexo 6.4.1-8 Origem dos Insumos para a Produção Agropecuária Anexo 6.4.1-8 Origem dos Insumos para a Produção Agropecuária 2619-00-EIA-RL-0001-00 LT 500 KV MIRACEMA - SAPEAÇU E SUBESTAÇÕES ASSOCIADAS TOCANTINS Centenário Centenário Bovinos Centenário Guaraí Bovinos

Leia mais

FORÇA TAREFA BA RELAÇÃO DE PROTOCOLOS DOS PEDIDOS DE AUTORIZAÇÃO PARA EXECUÇÃO DO SERVIÇO DE RETRANSMISSÃO DE TELEVISÃO, EM CARÁTER SECUNDÁRIO

FORÇA TAREFA BA RELAÇÃO DE PROTOCOLOS DOS PEDIDOS DE AUTORIZAÇÃO PARA EXECUÇÃO DO SERVIÇO DE RETRANSMISSÃO DE TELEVISÃO, EM CARÁTER SECUNDÁRIO FUNDACAO BRASIL ECOAR - - Legal L020 53000.018214/2014 FUNDACAO BRASIL ECOAR BA Alagoinhas Técnico T580 53900.001857/2014 FUNDACAO BRASIL ECOAR BA Barreiras Técnico T579 53900.001856/2014 FUNDACAO BRASIL

Leia mais

Série Histórica da Rubéola em Alagoas

Série Histórica da Rubéola em Alagoas ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DE SAÚDE SUPERINTENDENCIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE DIRETORIA DE VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA Série Histórica da Rubéola em Alagoas ALAGOAS - 2012 Governo do Estado de

Leia mais

AGÊNCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA ANEEL

AGÊNCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA ANEEL AGÊNCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA ANEEL RESOLUÇÃO HOMOLOGATÓRIA N o, DE DE DE 2015 Homologa o resultado da Revisão do Plano de Universalização Rural da Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia COELBA

Leia mais

CONCURSO DE FRASES E DESENHOS ESCOLAS PÚBLICAS E PARTICULARES DO ESTADO DO CEARÁ REGULAMENTO

CONCURSO DE FRASES E DESENHOS ESCOLAS PÚBLICAS E PARTICULARES DO ESTADO DO CEARÁ REGULAMENTO CONCURSO DE FRASES E DESENHOS ESCOLAS PÚBLICAS E PARTICULARES DO ESTADO DO CEARÁ REGULAMENTO ART. 1º O Concurso de Frases e Desenhos visa incentivar a conscientização sobre a política nacional do sangue

Leia mais

APLICAÇÃO DOS RECURSOS DO FUNDEB REALIDADE DE ALAGOAS 24.01.2013

APLICAÇÃO DOS RECURSOS DO FUNDEB REALIDADE DE ALAGOAS 24.01.2013 APLICAÇÃO DOS RECURSOS DO FUNDEB REALIDADE DE ALAGOAS 24.01.2013 Palestra: Conselho de Representantes do SINTEAL. MILTON CANUTO DE ALMEIDA Consultor Técnico em: Financiamento, Planejamento e Gestão da

Leia mais

LISTAGEM DAS SERVENTIAS NOTARIAIS E DE REGISTRO VAGAS NO ESTADO DE GOIÁS

LISTAGEM DAS SERVENTIAS NOTARIAIS E DE REGISTRO VAGAS NO ESTADO DE GOIÁS LISTAGEM DAS SERVENTIAS NOTARIAIS E DE REGISTRO VAGAS NO ESTADO DE GOIÁS Comarca Distrito Judiciário Serventia Data Critério Observação Ivolândia Campolândia Tabelionato de Notas, Tabelionato e Oficialato

Leia mais

PORTARIA NORMATIVA N.º 392/2000

PORTARIA NORMATIVA N.º 392/2000 PORTARIA NORMATIVA N.º 392/2000 NORMATIZAÇÃO ORGANIZACIONAL E DE FUNCIONAMENTO DAS REGIONAIS DO IPASGO O PRESIDENTE DO INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA E ASSISTÊNCIA DOS SERVIDORES DO ESTADO DE GOIÁS - IPASGO,

Leia mais

SUMÁRIO. 1 Apresentação. 2 Notas Informativas. 3 Características de Instrução da População - Alagoas. 4 Indicadores Educacionais Alagoas

SUMÁRIO. 1 Apresentação. 2 Notas Informativas. 3 Características de Instrução da População - Alagoas. 4 Indicadores Educacionais Alagoas SUMÁRIO 1 Apresentação 2 Notas Informativas 3 Características de Instrução da População - Alagoas Pessoas com 5 Anos ou Mais, Analfabetas Segundo os Grupos de Idade - Alagoas 2001/2007 Taxa de Analfabetismo,

Leia mais

ORGANIZAÇÃO DA REDE DE DISTRIBUIÇÃO DE TESTES RÁPIDOS DE HIV E SÍFILIS NO CEARÁ

ORGANIZAÇÃO DA REDE DE DISTRIBUIÇÃO DE TESTES RÁPIDOS DE HIV E SÍFILIS NO CEARÁ ORGANIZAÇÃO DA REDE DE DISTRIBUIÇÃO DE TESTES RÁPIDOS DE HIV E SÍFILIS NO CEARÁ COORDENAÇÃO ESTADUAL DE DST/AIDS COORDENAÇÃO ESTADUAL DA ATENÇÃO BÁSICA LABORATÓRIO CENTRAL - LACEN ORGANIZAÇÃO DA REDE DE

Leia mais

Anexo 6.4.1-9 Deslocamento dos Temas Saúde e Compras

Anexo 6.4.1-9 Deslocamento dos Temas Saúde e Compras Anexo 6.4.1-9 Deslocamento dos Temas e 2619-00-EIA-RL-0001-00 LT 500 KV MIRACEMA - SAPEAÇU E SUBESTAÇÕES ASSOCIADAS e 2 TOCANTINS Rio dos Bois Miranorte 1 1 3 3 3 Rio dos Bois Miracema do Tocantins 2

Leia mais

Região de Saúde de Caucaia

Região de Saúde de Caucaia Região de Saúde de Fortaleza Fortaleza CONSULTÓRIO DE RUA Eusébio I CAPS i Itaitinga Aquiraz LEITO HOSPITAL GERAL ENFERMARIA ESPECIALIZADA COMUNIDADE TERAPÊUTICA RESIDÊNCIA TERAPÊUTICA PVC AQUIRAZ 73.561

Leia mais

NOTA TÉCNICA nº 01/2012

NOTA TÉCNICA nº 01/2012 Salvador, 16 de janeiro de 2012 NOTA TÉCNICA nº 01/2012 Orienta sobre a utilização do recurso referente à Portaria GM/MS nº 2.815, de 29 de novembro de 2011 Telessaúde Brasil Redes - Bahia. O Telessaúde

Leia mais

Programa Nacional de Controle Eletrônico de Velocidade - PNCV Equipamentos e Faixas em Operação

Programa Nacional de Controle Eletrônico de Velocidade - PNCV Equipamentos e Faixas em Operação Equipamentos e Faixas em Barreira Eletrônica AC 317 89,000 SENADOR GUIOMARD 19L 8877298 640896 ACB00303010 Crescente 1 50 50 11/03/2014 Barreira Eletrônica AC 317 89,000 SENADOR GUIOMARD 19L 8877297 640927

Leia mais

Municípios que não enviaram documentação ou com pendências junto ao CEDRS

Municípios que não enviaram documentação ou com pendências junto ao CEDRS Municípios que não enviaram documentação ou com pendências junto ao CEDRS MUNICÍPIO TERRITÓRIO ABARÉ ADUSTINA ALAGOINHAS ALCOBAÇA ALMADINA AMARGOSA AMÉLIA RODRIGUES ANGUERA ANTAS ARAMARI ARACATU AURELINO

Leia mais

CONVITE CURSO PPA M SEPLAN/ENAP

CONVITE CURSO PPA M SEPLAN/ENAP CONVITE CURSO PPA M SEPLAN/ENAP Módulo 2 Elaboração de Projetos do Programa de Capacitação para técnicos municipais. A Secretaria do Planejamento (SEPLAN), em parceria com a Secretaria de Relações Institucionais

Leia mais

SITE INATIVO CONTA SUSPENSA

SITE INATIVO CONTA SUSPENSA MUNICÍPIO SITE SITUAÇÃO LEI DE ACESSO TRANSPARÊNCIA SITE/BLOG OBSERVAÇÃO DADOS TRANSPARÊNCIA 1 ÁGUA BRANCA http://www.aguabranca.al.gov.br/index2.php SITE ATIVO Não possui Portal da próprio Sem conteúdo

Leia mais

MAPA DO FIM DA FOME: Metas Metas Sociais Contra Miséria nos Municípios B Baianos MAPA DO FIM DA FOME: Julho 2001. CPS Centro de Políticas Sociais

MAPA DO FIM DA FOME: Metas Metas Sociais Contra Miséria nos Municípios B Baianos MAPA DO FIM DA FOME: Julho 2001. CPS Centro de Políticas Sociais CPS Centro de Políticas Sociais MAPA DO FIM DA FOME: MAPA DO FIM DA FOME: Metas Metas Sociais Contra Miséria nos nos Municípios B Baianos Grande Salvador - PME 2000 Julho 2001 Estado da Bahia PNAD (1998-99)

Leia mais

PROGRAMA SERTÃO EMPREENDEDOR

PROGRAMA SERTÃO EMPREENDEDOR PROJETO SERTÃO EMPREENDEDOR PROGRAMA SERTÃO EMPREENDEDOR UM NOVO TEMPO PARA O SEMIÁRIDO PROJETO SERTÃO EMPREENDEDOR PROGRAMA SERTÃO EMPREENDEDOR UM NOVO TEMPO PARA O SEMIÁRIDO OBJETIVO DO PROJETO Promover

Leia mais

DECISÃO NORMATIVA Nº 00019/2014

DECISÃO NORMATIVA Nº 00019/2014 Estado de Goiás TRIBUNAL DE CONTAS DOS MUNICÍPIOS Superintendência de Secretaria DECISÃO NORMATIVA Nº 00019/2014 Dispõe sobre a composição das Câmaras e diretoria das regiões para o período de 01 de janeiro

Leia mais

ANUÁRIO ESTATÍSTICO DO CRÉDITO RURAL - 2008

ANUÁRIO ESTATÍSTICO DO CRÉDITO RURAL - 2008 5.1.1.4 - ATIVIDADE E FINALIDADE - ITEM - UNIDADE DA FEDERAÇÃO PRODUTOS (ITENS S) ACRE CUSTEIO Lavoura AMENDOIM 26 313.447,50 288,00 ARROZ DE SEQUEIRO 90 115.247,33 247,72 CUPUACU 1 180.00 135,00 FEIJAO

Leia mais

Infância e Adolescência.

Infância e Adolescência. l l SIPIA - Sistema de Informação Para Infância e Adolescência. l É um sistema nacional de registro e tratamento de informações sobre a garantia e defesa dos direitos fundamentais preconizados no Estatuto

Leia mais

RELAÇÃO DESCRITIVA DAS RODOVIAS ESTADUAIS Sistema Rodoviário do Estado de Goiás

RELAÇÃO DESCRITIVA DAS RODOVIAS ESTADUAIS Sistema Rodoviário do Estado de Goiás RELAÇÃO DESCRITIVA DAS RODOVIAS ESTADUAIS Sistema Rodoviário do Estado de Goiás GO-010 GO-020 GO-040 GO-050 GO-060 GO-070 GO-080 RADIAIS Goiânia, Bonfinópolis, Leopoldo de Bulhões, Vianópolis, Luziânia,

Leia mais

Ministério do Esporte. Secretaria Nacional de Esporte, Educação, Lazer e Inclusão Social

Ministério do Esporte. Secretaria Nacional de Esporte, Educação, Lazer e Inclusão Social Ministério do Esporte Secretaria Nacional de Esporte, Educação, Lazer e Inclusão Social O que é a parceria entre o PST e o PME? É uma parceria entre o Ministério da Educação e o Ministério do Esporte,

Leia mais

SECRETARIA DO TESOURO NACIONAL COMUNICADO AOS MUNICÍPIOS

SECRETARIA DO TESOURO NACIONAL COMUNICADO AOS MUNICÍPIOS SECRETARIA DO TESOURO NACIONAL COMUNICADO AOS MUNICÍPIOS Divulgamos a seguir estimativas para os valores da 4ª parcela do apoio financeiro instituído pela Lei nº 12.058, de 13 de outubro de 2009 (originalmente,

Leia mais

ESTIMATIVAS DAS COTAS DO FPM BAHIA

ESTIMATIVAS DAS COTAS DO FPM BAHIA CDKM Soluções - Contabilidade, Assessoria, Consultoria e Tecnologia - ESTIMATIVAS DAS COTAS DO FPM BAHIA, e de Coité, novembro de CDKM Soluções - Contabilidade, Assessoria, Consultoria e Tecnologia - s

Leia mais

ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA ESTADUAL DE SAÚDE SUPERINTENDÊNCIA DE ATENÇÃO A SAÚDE

ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA ESTADUAL DE SAÚDE SUPERINTENDÊNCIA DE ATENÇÃO A SAÚDE ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA ESTADUAL SUPERINTENDÊNCIA DE ATENÇÃO A SAÚDE MAPA DE VINCULAÇÃO DA REDE CEGONHA DISTRIBUIÇÃO DE LEITOS OBSTÉTRICOS POR REGIÃO 1ª MACRORREGIÃO REGIÃO TERRITÓRIO REFERÊNCIA 1ª

Leia mais

RELAÇÃO - DIREC S INTERIOR

RELAÇÃO - DIREC S INTERIOR RELAÇÃO - DIREC S INTERIOR Sigla: DIREC-02 Responsável: BELDES LUIS PEREIRA RAMOS Endereço: AV. PRESIDENTE DUTRA S/N - CENTRO / Feira de Santana - Cep: 44.016-615 Telefone: (75) 36231328 / (75) 36231181

Leia mais

FUNDAÇÃO LUÍS EDUARDO MAGALHÃES CNPJ - 03037070/0001-02

FUNDAÇÃO LUÍS EDUARDO MAGALHÃES CNPJ - 03037070/0001-02 Este Edital já contempla as alterações informadas na Errata da Convocação de abertura de Inscrições, publicada no Diário Oficial Nº. 18602, de 15 de julho de 2004 FUNDAÇÃO LUÍS EDUARDO MAGALHÃES CNPJ -

Leia mais

Total de homens Total de mulheres

Total de homens Total de mulheres Nome do população população 2100055 Açailândia 88.320 52.093 51.920 78.241 25.772 104.013 2100105 Afonso Cunha 4.680 3.001 2.956 3.272 2.685 5.957 2100154 Água Doce do Maranhão 9.703 6.026 5.564 3.124

Leia mais

ESTRUTURA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO SEDUC LEI DELEGADA Nº 47, DE 10 DE AGOSTO DE 2015

ESTRUTURA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO SEDUC LEI DELEGADA Nº 47, DE 10 DE AGOSTO DE 2015 ESTRUTURA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO SEDUC LEI DELEGADA Nº 47, DE 10 DE AGOSTO DE 2015 Art. 27. A Secretaria de Estado da Educação SEDUC é integrada por: I Órgãos Colegiados: a) Conselho Estadual de Educação;

Leia mais

UF Município Micro-Região Classificação Tipo

UF Município Micro-Região Classificação Tipo MA Açailândia Imperatriz Média Renda Inferior Estagnada MA Afonso Cunha Coelho Neto Baixa Renda Estagnada MA Água Doce do Maranhão Baixo Parnaíba Maranhense Baixa Renda Estagnada MA Alcântara Litoral Ocidental

Leia mais

RÁDIOFÁCIL. Regiões. Irecê. Velho Chico

RÁDIOFÁCIL. Regiões. Irecê. Velho Chico FÁCIL FÁCIL Irecê AMÉRICA DOURADA BARRA DO MENDES BARRO ALTO CAFARNAUM CANARANA CENTRAL GENTIO DO OURO IBIPEBA IBITITÁ IPUPIARA IRECÊ ITAGUAÇU DA BAHIA JOÃO DOURADO JUSSARA LAPÃO MULUGUM DO MORRO PRESIDENTE

Leia mais

Relatório de Consultoria PD.33.10.53A.0017A/RT-03-AA

Relatório de Consultoria PD.33.10.53A.0017A/RT-03-AA Relatório de Consultoria PD.33.10.53A.0017A/RT-03-AA PROPOSTA REMANEJAMENTO DOS CANAIS 6 DE RTV/VHF DO PBRTV NAS LOCALIDADES DO GRUPO B ESTADOS DE ALAGOAS, BAHIA, CEARÁ, PARAÍBA, PERNAMBUCO, RIO GRANDE

Leia mais

Módulo introdutório de Formação dos Orientadores de Estudo INSTITUIÇÃO RESPONSÁVEL: Universidade Federal do Maranhão PERÍODO:

Módulo introdutório de Formação dos Orientadores de Estudo INSTITUIÇÃO RESPONSÁVEL: Universidade Federal do Maranhão PERÍODO: Módulo introdutório de dos Orientadores de Estudo 2100055 ACAILANDIA MUNICIPAL 2100105 AFONSO CUNHA MUNICIPAL 2100154 AGUA DOCE DO MARANHAO MUNICIPAL 2100204 ALCANTARA MUNICIPAL 2100303 ALDEIAS ALTAS MUNICIPAL

Leia mais

AGÊNCIA NACIONAL DO PETRÓLEO, GÁS NATURAL E BIOCOMBUSTÍVEIS

AGÊNCIA NACIONAL DO PETRÓLEO, GÁS NATURAL E BIOCOMBUSTÍVEIS AGÊNCIA NACIONAL DO PETRÓLEO, GÁS NATURAL E BIOCOMBUSTÍVEIS RESOLUÇÃO N 23, DE 26 DE JUNHO DE 2013 A DIRETORA-GERAL da AGÊNCIA NACIONAL DO PETRÓLEO, GÁS NATURAL E BIOCOMBUSTÍVEIS ANP, no uso das atribuições

Leia mais

Lista de municípios Bolsa Estiagem - 18 de junho de

Lista de municípios Bolsa Estiagem - 18 de junho de Nº COD. IBGE Município Reconhecidos pela Defesa Civil Lista de municípios Bolsa Estiagem - 18 de junho de UF Nº Decreto Data do Decreto Evento SE/ECP 1 2900108 ABAÍRA BA 219/12 12/3/2012 ESTIAGEM SE 2

Leia mais

FUNDAÇÃO LUÍS EDUARDO MAGALHÃES CNPJ - 03037070/0001-02

FUNDAÇÃO LUÍS EDUARDO MAGALHÃES CNPJ - 03037070/0001-02 Publicado no Diário Oficial do Estado da Bahia, em 25/26 de março de 2006, páginas 3 e 4, Caderno 4. FUNDAÇÃO LUÍS EDUARDO MAGALHÃES CNPJ - 03037070/0001-02 CONVOCAÇÃO DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES DO 2º EXAME

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO ESTADUAL

SERVIÇO PÚBLICO ESTADUAL RESOLUÇÃO CIB Nº. 343/2012 Aprova a alocação dos recursos financeiros referente ao exercício 2012 e 2013, do Componente I - Cirurgia de Catarata especifica da população de extrema pobreza dos Municípios

Leia mais

EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES REPUBLICADO POR TER SAÍDO COM INCORREÇÃO

EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES REPUBLICADO POR TER SAÍDO COM INCORREÇÃO EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES REPUBLICADO POR TER SAÍDO COM INCORREÇÃO Ref. Processo Seletivo de Ingresso no Programa de Formação de Professores 3º etapa, na modalidade presencial, na forma que indica.

Leia mais

AGÊNCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA ANEEL

AGÊNCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA ANEEL AGÊNCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA ANEEL RESOLUÇÃO HOMOLOGATÓRIA N o, DE DE DE 2015 Homologa o resultado da Revisão do Plano de Universalização Rural da Companhia Energética do Maranhão CEMAR e dá outras

Leia mais

1 IBGE052009 FUNDAÇÃO CESGRANRIO INSCRITOS POR CIDADE/CARGO 13/01/2010

1 IBGE052009 FUNDAÇÃO CESGRANRIO INSCRITOS POR CIDADE/CARGO 13/01/2010 1 IBGE052009 AC ACRELÂNDIA AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL (ACM) / SUPERVISOR (ACS) 37 AC ASSIS BRASIL AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL (ACM) / SUPERVISOR (ACS) 54 AC BRASILÉIA AGENTE CENSITÁRIO DE INFORMÁTICA

Leia mais

CÓDIGOS DO MARANHÃO. Fonte: Anexo da resolução 263 de 08/06/2001

CÓDIGOS DO MARANHÃO. Fonte: Anexo da resolução 263 de 08/06/2001 CÓDIGOS DO Fonte: Anexo da resolução 263 de 08/06/2001 UF MUNICÍPIO CÓDIGO DE ÁREA MA AÇAILÂNDIA 99 MA AFONSO CUNHA 98 MA ÁGUA DOCE DO 98 MA ALCÂNTARA 98 MA ALDEIAS ALTAS 99 MA ALTAMIRA DO 98 MA ALTO ALEGRE

Leia mais

Thasla Vanessa (Coordenação Macro Oeste)

Thasla Vanessa (Coordenação Macro Oeste) COORDENADORES REGIONAIS Aloma Galeano (Coordenação Macro Norte) aloma.galeano@cultura.ba.gov.br (75) 8105-4689/ 36224684/ 3612-4516/ 8279-9269 TERRITÓRIO REPRESENTANTE LOTAÇÃO DO REPRESENTANTE MUNICÍPIOS

Leia mais

Região Nordeste Fortaleza/CE

Região Nordeste Fortaleza/CE Cidade UF Distância Km (Capital) Região Nordeste Fortaleza/ Prazo Aéreo (Capital) Prazo Rodoviário Redespacho Abaiara 520 Não operamos por FOR / 24 h por Acarape 67 Não operamos 24 h Acaraú 243 Não operamos

Leia mais

ORIGEM: AFONSO CLAUDIO

ORIGEM: AFONSO CLAUDIO ORIGEM: AFONSO CLAUDIO AFONSO CLÁUDIO 0 ÁGUA DOCE NORTE 453 ÁGUIA BRANCA 379 ALEGRE 157 ALFREDO CHAVES 116 ALTO RIO NOVO 389 ANCHIETA 148 APIACÁ 218 ARACRUZ 227 ATÍLIO VIVACQUA 137 BAIXO GUANDU 304 BARRA

Leia mais

CONSULTA SITUAÇÃO DE PRESTAÇÃO DE CONTAS DO PNATE

CONSULTA SITUAÇÃO DE PRESTAÇÃO DE CONTAS DO PNATE MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO SAPE - Sistema de Assistência a Programas e Projetos Educacionais CONSULTA SITUAÇÃO DE PRESTAÇÃO DE CONTAS DO PNATE UF ENTIDADES CNPJ

Leia mais

CONCORRENCIA CONCILIADOR

CONCORRENCIA CONCILIADOR CONCORRENCIA CONCILIADOR COD FUNçãO COMARCA INSCRITOS VAGAS CONCOR. 501 CONCILIADOR ABARÉ 16 1 16,00/1 502 CONCILIADOR ACAJUTIBA 14 1 14,00/1 503 CONCILIADOR ALAGOINHAS 260 9 28,88/1 504 CONCILIADOR ALCOBAÇA

Leia mais

LISTAGEM DOS FESTIVAIS DE QUADRILHAS JUNINAS SEDES DO EVENTO CEARÁ JUNINO2008 REGIÃO METROPOLITANA CARIRI / CENTRO SUL

LISTAGEM DOS FESTIVAIS DE QUADRILHAS JUNINAS SEDES DO EVENTO CEARÁ JUNINO2008 REGIÃO METROPOLITANA CARIRI / CENTRO SUL LISTAGEM DOS FESTIVAIS DE QUADRILHAS JUNINAS SEDES DO EVENTO CEARÁ JUNINO2008 LISTA DE CONTATOS Nome do Festival: Festejo Junino de São Gonçalo do Amarante Local: Praça da Matriz Dias: 29/06 a 04 /07/2008

Leia mais

LIQUIDO - AQUISIÇÃO DE FERRAMENTAS PARA MANUTENÇÃO DE APARELHOS DE AR 341 / 08515 / 0000201203 684,00 20158256 LTDA - ME

LIQUIDO - AQUISIÇÃO DE FERRAMENTAS PARA MANUTENÇÃO DE APARELHOS DE AR 341 / 08515 / 0000201203 684,00 20158256 LTDA - ME 05/01/2016 3 JER COMERCIO INSTALACAO E MANUTENCAO DE AR CONDICIONADO LIQUIDO - AQUISIÇÃO DE FERRAMENTAS PARA MANUTENÇÃO DE APARELHOS DE AR 341 / 08515 / 0000201203 684,00 20158256 LTDA - ME CONDICIONADOS

Leia mais

CONCORRENCIA JUIZ LEIGO

CONCORRENCIA JUIZ LEIGO CONCORRENCIA JUIZ LEIGO COD FUNçãO COMARCA INSCRITOS VAGAS CONCOR. 101 JUÍZ LEIGO ABARÉ 10 1 10,00/1 102 JUÍZ LEIGO ACAJUTIBA 7 1 7,00/1 103 JUÍZ LEIGO ALAGOINHAS 62 3 20,66/1 104 JUÍZ LEIGO ALCOBAÇA 17

Leia mais

PROGRAMA NACIONAL DE CONTROLE ELETRÔNICO DE VELOCIDADE - PNCV

PROGRAMA NACIONAL DE CONTROLE ELETRÔNICO DE VELOCIDADE - PNCV Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte Diretoria de Infraestrutura Rodoviária Coordenação- Geral de Operações Rodoviárias PROGRAMA NACIONAL DE CONTROLE ELETRÔNICO DE VELOCIDADE - PNCV Relação

Leia mais

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - EDITAL Nº 01/2010 - RECENSEADOR QUADRO DE VAGAS E POLOS DE PROVA

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - EDITAL Nº 01/2010 - RECENSEADOR QUADRO DE VAGAS E POLOS DE PROVA 1200013000 AC ACRELÂNDIA ACRELÂNDIA 13 12 1 1200054000 AC ASSIS BRASIL ASSIS BRASIL 8 7 1 1200104000 AC BRASILÉIA BRASILÉIA 20 19 1 1200138000 AC BUJARI BUJARI 9 8 1 1200179000 AC CAPIXABA CAPIXABA 10

Leia mais

CAMARA SETORIAL DA BORRACHA CARLOS ALFREDO B GUEDES BRASILIA JULHO 2015

CAMARA SETORIAL DA BORRACHA CARLOS ALFREDO B GUEDES BRASILIA JULHO 2015 CAMARA SETORIAL DA BORRACHA A CARLOS ALFREDO B GUEDES BRASILIA JULHO 2015 LEGISLAÇÃO Decreto nº 68.678, de 25 de maio de 1971 cria a Comissão Especial de Planejamento, Controle e Avaliação das Estatísticas

Leia mais

ÍNDICE DE VULNERABILIDADE MUNICIPAL COMPOSTO

ÍNDICE DE VULNERABILIDADE MUNICIPAL COMPOSTO ÍNDICE DE VULNERABILIDADE MUNICIPAL COMPOSTO Nº 52 Novembro / 2012 GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ Cid Ferreira Gomes Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho Vice Governador SECRETARIO DO PLANEJAMENTO E GESTÃO

Leia mais

Federação Goiana de Desporto e Paradesporto Escolar

Federação Goiana de Desporto e Paradesporto Escolar NOTA OFICIAL Nº. 005/2015 JOGOS ESCOLARES FGDPE 2015 Às Unidades Escolares Prezados(as) Diretores(as) e Professores(as), Goiânia, 08 de MAIO de 2015. A Federação Goiana de Desporto e Paradesporto Escolar

Leia mais

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - EDITAL Nº 01/2010 - RECENSEADOR QUADRO DE VAGAS E POLOS DE PROVA

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - EDITAL Nº 01/2010 - RECENSEADOR QUADRO DE VAGAS E POLOS DE PROVA 1200013000 AC ACRELÂNDIA ACRELÂNDIA 13 12 1 1200054000 AC ASSIS BRASIL ASSIS BRASIL 8 7 1 1200104000 AC BRASILÉIA BRASILÉIA 20 19 1 1200138000 AC BUJARI BUJARI 9 8 1 1200179000 AC CAPIXABA CAPIXABA 10

Leia mais

BOLETIM SEMANAL DE DENGUE - GOIÁS 2012

BOLETIM SEMANAL DE DENGUE - GOIÁS 2012 Ano SUPERINTENDÊNCIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE GERÊNCIA DE VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA BOLETIM SEMANAL DE DENGUE - GOIÁS 2012 Quadro 1 - Dados comparativos de dengue. Goiás, 2011 e 2012 da semana 01 a 23 (01/01

Leia mais

DIAGNÓSTICO DO MONITORAMENTO DOS PROJETOS DE DISPOSIÇÃO DO LIXO URBANO DOS MUNICÍPIOS GOIANOS

DIAGNÓSTICO DO MONITORAMENTO DOS PROJETOS DE DISPOSIÇÃO DO LIXO URBANO DOS MUNICÍPIOS GOIANOS DIAGNÓSTICO DO MONITORAMENTO DOS PROJETOS DE DISPOSIÇÃO DO LIXO URBANO DOS MUNICÍPIOS GOIANOS GOIÂNIA JULHO/2006 2 GOVERNO DE GOIÁS AGÊNCIA GOIANA DE MEIO AMBIENTE. Dr Zacharias Calil Hamú Presidente DIRETORIA

Leia mais

SECRETARIA DO TRABALHO, EMPREGO, RENDA E ESPORTE SUPERINTENDÊNCIA DE DESENVOLVIMENTO DO TRABALHO COORDENAÇÃO DE QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL

SECRETARIA DO TRABALHO, EMPREGO, RENDA E ESPORTE SUPERINTENDÊNCIA DE DESENVOLVIMENTO DO TRABALHO COORDENAÇÃO DE QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL SECRETARIA DO TRABALHO, EMPREGO, RENDA E ESPORTE SUPERINTENDÊNCIA DE DESENVOLVIMENTO DO TRABALHO COORDENAÇÃO DE QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL QUALIFICA BAHIA EXECUÇÃO 2014 TERRITÓRIO MUNICÍPIOS CADEIAS PRODUTIVAS

Leia mais

Vestibular Estácio -AMA

Vestibular Estácio -AMA Vestibular Estácio -AMA Maceió, 2014 A Faculdade Estácio de Alagoas em parceria com a Associação dos Municípios de Alagoas-AMA, disponibiliza o Vestibular Estácio -AMA, com o objetivo de viabilizar o acesso

Leia mais

Inquérito soroepidemiológico para avaliação de circulação do vírus da Febre Aftosa no Estado do Ceará

Inquérito soroepidemiológico para avaliação de circulação do vírus da Febre Aftosa no Estado do Ceará Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Ceará Diretoria de Sanidade Animal Coordenação Estadual do PEEFA Inquérito soroepidemiológico para avaliação de circulação do vírus da Febre Aftosa no Estado

Leia mais

TAXA DE VULNERABILIDADE SOCIAL DOS MUNICÍPIOS CEARENSES

TAXA DE VULNERABILIDADE SOCIAL DOS MUNICÍPIOS CEARENSES TAXA DE VULNERABILIDADE SOCIAL DOS MUNICÍPIOS CEARENSES Nº 51 Novembro / 2012 GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ Cid Ferreira Gomes Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho Vice Governador SECRETARIO DO PLANEJAMENTO

Leia mais

Relação de Padroeiras

Relação de Padroeiras Relação de Padroeiras Município Data Padroeira ÁGUA BRANCA 08/12 Nossa Senhora da Conceição ANADIA 02/02 Nossa Senhora da Piedade ARAPIRACA 02/02 Nossa Senhora do Bom Conselho ATALAIA 02/02 Nossa Senhora

Leia mais

~~'S> VV' \>-~~ Ofício n Q JC\ 3 12015/MP. Brasília, '<:> de MlAbtLo de 2015.

~~'S> VV' \>-~~ Ofício n Q JC\ 3 12015/MP. Brasília, '<:> de MlAbtLo de 2015. MINISTÉRIO DO PLANEJENTO, ORÇENTO E GESTÃO G ABINETE DO MINISTRO Esplanada dos Ministérios, Bloco K, 7 2 andar Brasília - DF - P: 70040-906 Telefone: (61) 2020-4100 - ministro@planejamento.gov.br Ofício

Leia mais

Ministério da Saúde Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde

Ministério da Saúde Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde AC AC AP Cruzeiro do Sul Rodrigues Alves Cajueiro Maragogi Piaçabuçu União dos Palmares Barcelos Boca do Acre Iranduba Parintins Silves Santana Amargosa Barra Barra do Choça Barreiras Camamu Campo Formoso

Leia mais

Parte do Edital PE 89/2012 ANEXOIV - Continuação RELAÇÃO DE UNIDADES CAIXA SR NORTE DA BAHIA

Parte do Edital PE 89/2012 ANEXOIV - Continuação RELAÇÃO DE UNIDADES CAIXA SR NORTE DA BAHIA Parte do Edital PE 89/2012 ANEXOIV - Continuação RELAÇÃO DE UNIDADES CAIXA SR NORTE DA BAHIA UNIDADE SQ CÓD. ENDEREÇO CONTATO CIDADE UF 1 3395 REMANSO 2 3586 VELHO CHICO AV. CORONEL JOSÉ CASTELO BRANCO,S/Nº-

Leia mais

MUNICÍPIO IBGE PROTOCOLO PROPONENTE

MUNICÍPIO IBGE PROTOCOLO PROPONENTE Centro-Oeste GO Acreúna 520013 001115.01.02/2011-15 Prefeitura 50 Centro-Oeste GO Água Limpa 520020 009392.01.03/2011-67 Prefeitura 40 Centro-Oeste GO AleXânia 520030 000892.01.02/2011-34 Governo Estadual

Leia mais