UNI-FACEF CENTRO UNIVERSITÁRIO DE FRANCA. PAS/Uni-FACEF 2005

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "UNI-FACEF CENTRO UNIVERSITÁRIO DE FRANCA. PAS/Uni-FACEF 2005"

Transcrição

1 1ª. ETAPA

2 INSTRUÇÕES PARA AS PROVAS UNI-FACEF CENTRO UNIVERSITÁRIO DE FRANCA PAS/Uni-FACEF Verifique se está sentado na carteira certa (verificar na etiqueta). 0. Você está recebendo o Caderno de Questões com 40 questões: 10 de Língua Portuguesa, 10 de Matemática, 10 de Conhecimentos Gerais e 10 de Língua Inglesa, além de um tema para redação. O Caderno poderá ser usado como rascunho, uma vez que as respostas serão passadas para a FOLHA DE RESPOSTAS, que deverá ser preenchidas com caneta esferográfica azul ou preta. 03. Caso o Caderno de Questões não esteja completo, solicite imediatamente, ao fiscal de sala, um outro caderno. 04. Não deixe questões em branco ou com mais de uma alternativa. 05. Preencha com cuidado a Folha de Respostas, colocando o seu nome, NÚMERO DE ORDEM (o que consta da etiqueta). Date e assine. 06. As instruções para a Redação estão no Caderno de Questões recebido. Os candidatos da 3ª Etapa deverão colocar na margem superior direita da prova de redação a 1ª opção de curso: ADMINISTRAÇÃO DIURNO, ADMINISTRAÇÃO NOTURNO, ECONOMIA, CIÊNCIAS CONTÁBEIS, PSICOLOGIA, PUBLICIDADE E PROPAGANDA DIURNO, PUBLICIDADE E PROPAGANDA NOTURNO, MATEMÁTICA DIURNO, MATEMÁTICA NOTURNO, TURISMO E HOTELARIA DIURNO, TURISMO E HOTELARIA NOTURNO, LETRAS PORTUGUÊS, LETRAS INGLÊS. 07. Estará eliminado o candidato que deixar de entregar a Folha de Respostas e/ou a Redação. 08. O tempo da prova é de 4 horas. Isto inclui o tempo destinado à redação e ao preenchimento da Folha de Respostas. 09. O tempo mínimo de permanência na sala é de 90 minutos. 10. Use caneta esferográfica azul ou preta. O Caderno de Questões pode ser usado como rascunho. Capriche na letra, pois palavras ilegíveis serão consideradas erros. 11. Não use quaisquer aparelhos eletrônicos (calculadora, relógio-calculadora, celular, agenda eletrônica etc), sob pena de ter sua prova anulada. 1. Se precisar usar os sanitários, solicite ao Fiscal que ele o/a acompanhará. 13. Não fume na sala de aula. 14. Desligue o celular. 15. Os candidatos das 1ª e ª Etapas receberão o Relatório de Desempenho até o final de fevereiro de 006. Os candidatos da 3ª Etapa receberão o Relatório de Desempenho até o final de novembro de 005 e deverão efetuar sua matrícula de 1º a 0 de dezembro de DOCUMENTOS PARA A MATRÍCULA: XEROX DOS DOCUMENTOS Certificado de Conclusão do ensino médio ou equivalente; Histórico Escolar do ensino médio; Cédula de Identidade; Certificado Militar (homens) frente e verso; Certidão de Nascimento ou Casamento; CPF; Título de Eleitor; e 1 foto 3 x 4. BOA PROVA

3 3 L Í N G U A P O R T U G U E S A 01. Leia, atentamente, o texto abaixo, veiculado no jornal Folha de S.Paulo, em 14 de setembro de 005. FUNCIONÁRIOS DO IBGE VOLTAM A TRABALHAR HOJE Os funcionários do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) retornam hoje ao trabalho, após mais de dois meses em greve. A suspensão da paralisação, entretanto, será até o dia 7 deste mês, quando o governo deve apresentar proposta salarial para a categoria. A greve começou dia 7 de julho. Os grevistas decidiram suspender o movimento para não serem descontados pelos dias não-trabalhados. O desconto foi validado por decreto presidencial e corroborado por decisão judicial. Para receber os salários integrais, os funcionários terão que compensar com trabalho, durante quatro sábados e uma hora e meia adicional por dia até janeiro de 006. (Folha de S.Paulo. Caderno Dinheiro, p. B6, 14 set. 005) Conforme o texto, assinale a alternativa correta: A) Os funcionários do IBGE retornaram ao trabalho, após 7 dias de greve. A suspensão da paralisação, entretanto, terá duração de dois meses, quando o governo vai descontar os salários. B) A greve começou dia 7 de julho. Os grevistas decidiram suspender o movimento para não serem descontados pelos dias não-trabalhados, embora não houvesse decisão judicial que permitisse esse desconto. C) Os grevistas, dois meses depois do início da greve, decidiram suspender o decreto presidencial e a decisão judicial, conforme o texto. D) Para receber os salários parciais, os funcionários terão que compensar com trabalho, com uma hora e meia adicional, por dia, até julho de 006. E) Conforme o texto, os grevistas corriam o risco de serem descontados pelos dias não-trabalhados, de acordo com decreto presidencial e decisão da Justiça. 0. Leia, atentamente, trecho de matéria veiculada no jornal Folha de S. Paulo, em 14 de setembro de 005. CHINA TERÁ JOGOS "PATRIÓTICOS" DE INTERNET O governo da China vai formar uma parceria com uma empresa de entretenimento cujas ações são cotadas na Bolsa americana Nasdaq, a fim de produzir jogos de internet protagonizados por heróis nacionais do país - como um célebre almirante eunuco e um soldado comunista que era tão altruísta que se ofereceu para lavar as meias de seus camaradas. Os jogos são parte de um amplo esforço de Pequim para promover os sentimentos nacionalistas e a "educação moral" entre uma juventude cada vez mais exposta aos jogos de computador e a entretenimento com valores encarados como suspeitos, pelos comissários da cultura da China. A série, com o título "Registro dos Heróis Chineses", está sendo desenvolvida pela Shanda Interactive Entertainment, cujas ações são cotadas nos Estados Unidos, no que parece ser uma tentativa de polir sua imagem, depois de acusações de que seus jogos on-line, imensamente populares, encorajam a preguiça, o absenteísmo e o crime. "No passado, era comum, no setor, acreditar que os produtores de jogos deveriam se forçar a ver a situação com os olhos dos jogadores, grandes ou pequenos", disse Shang Hui, um gerente de produto da Shanda. "Os jogadores não eram devidamente orientados e havia falta de responsabilidade social", afirma Shang. (Folha de S.Paulo. Caderno Dinheiro, p. B10, 14 set. 005) Conforme o texto, assinale a alternativa correta: A) O governo chinês acredita que, conforme o texto, jogos de computador sempre transmitiram bons valores para a juventude daquele país. B) A série, com o título "Registro dos Heróis Chineses", está sendo desenvolvida pela Shanda Interactive Entertainment, com ações cotadas na Bolsa chinesa, o que vai elevar o PIB daquele país, com o incremento das vendas, conforme o texto, em virtude da grande população chinesa. C) Pequim quer promover os sentimentos globalizados e alavancar as vendas da Shanda Interactive Entertainment, conforme o texto.

4 4 D) A Shanda Interactive Entertainment, quer, aparentemente, conforme o texto, polir sua imagem, depois de acusações de que seus jogos on-line encorajam a preguiça, o absenteísmo e o crime. E) A Bolsa norte-americana, que cota as ações da Shanda Interactive Entertainment, parece estar tentando polir sua imagem, depois de acusações de que encoraja a preguiça, o absenteísmo e o crime, conforme o texto. Leia o texto Morte do leiteiro de Carlos Drummond de Andrade para responder às questões 03 a 05: Há pouco leite no país é preciso entregá-lo cedo. Há muita sede no país, é preciso entregá-lo cedo. Há no país uma legenda, que ladrão se mata com tiro. Então o moço que é leiteiro de madrugada com sua lata sai correndo e distribuindo leite bom para gente ruim. Sua lata, suas garrafas, seus sapatos de borracha vão dizendo aos homens no sono que alguém acordou cedinho e veio do último subúrbio trazer o leite mais frio e mais alvo da melhor vaca para todos criarem força na luta brava da cidade. Na mão a garrafa branca não tem tempo de dizer as coisas que lhe atribuo nem o moço leiteiro ignaro. morador na Rua Namur, empregado no entreposto Com 1 anos de idade, sabe lá o que seja impulso de humana compreensão. E já que tem pressa, o corpo vai deixando à beira das casas uma pequena mercadoria. E como a porta dos fundos também escondesse gente que aspira ao pouco de leite disponível em nosso tempo, avancemos por esse beco, peguemos o corredor, depositemos o litro... Sem fazer barulho, é claro, que barulho nada resolve. Meu leiteiro tão sutil de passo maneiro e leve, antes desliza que marcha. É certo que algum rumor sempre se faz: passo errado, vaso de flor no caminho, cão latindo por princípio,

5 5 ou um gato quizilento. E há sempre um senhor que acorda, resmunga e torna a dormir. Mas este entrou em pânico (ladrões infestam o bairro), não quis saber de mais nada. O revólver da gaveta saltou para sua mão. Ladrão? se pega com tiro. Os tiros na madrugada liquidaram meu leiteiro. Se era noivo, se era virgem, se era alegre, se era bom, não sei, é tarde para saber. Mas o homem perdeu o sono de todo, e foge pra rua. Meu Deus, matei um inocente. Bala que mata gatuno também serve pra furtar a vida de nosso irmão. Quem quiser que chame médico, polícia não bota a mão neste filho de meu pai. Está salva a propriedade. A noite geral prossegue, a manhã custa a chegar, mas o leiteiro estatelado, ao relento, perdeu a pressa que tinha. Da garrafa estilhaçada. no ladrilho já sereno escorre uma coisa espessa que é leite, sangue... não sei Por entre objetos confusos, mal redimidos da noite, duas cores se procuram, suavemente se tocam, amorosamente se enlaçam, formando um terceiro tom a que chamamos aurora. 03. Assinale a alternativa em que há a predominância da função poética, ou seja, da construção de um discurso mais lírico por meio do emprego da aliteração: A) Sua lata, suas garrafas, /e seus sapatos de borracha B) Na mão a garrafa branca/não tem tempo de dizer C) Mas o homem perdeu o sono/ de todo, e foge pra rua. D) Mas este acordou em pânico/(ladrões infestam o bairro) E) Se era noivo, se era virgem,/se era alegre, se era bom,/ não sei 04. Leia os seguintes versos retirados do poema: avancemos por esse beco, peguemos o corredor, depositemos o litro...

6 6 A) O emprego da forma verbal no modo subjuntivo conjugado na primeira pessoa do plural dá o sentido de um narrador presente na cena narrativa. B) Ao empregar os verbos avancemos, peguemos e depositemos o autor quer que ajudemos o leiteiro a fazer seu trabalho diário. C) O leitor é trazido para dentro da cena devido ao emprego da primeira pessoa do plural, fazendo com que haja maior proximidade da narrativa relatada no poema. D) O emprego dos verbos avancemos, peguemos e depositemos indica que o eu lírico dá preferência a uma forma mais cortês, o que caracteriza o plural de modéstia. E) O emprego da primeira pessoa do singular conota mais emoção no poema, pois o eu lírico expressa todo seu pesar pela proximidade da morte do leiteiro. 05. Podemos dizer que um dos principais sentidos construídos no texto é: A) A violência dos ladrões atinge atualmente todos os leiteiros brasileiros. B) A emoção de perder um leiteiro está configurada na idéia de que ladrão? se pega com tiro. C) A aurora, nas grandes cidades, é marcada pela violência dos ladrões e pelos assassinatos dos leiteiros inocentes. D) O assassinato sem culpa de um leiteiro propicia uma reflexão sobre a violência e a reificação do homem contemporâneo. E) Devido à necessidade de salvar a propriedade, elemento importante na sociedade capitalista contemporânea, verifica-se a preocupação de todo cidadão de tomar mais cuidado em não ser confundido com ladrão. 06. Leia o texto abaixo para responder à questão. De ponta a ponta, é tudo praia... muito chã e muito formosa. (...) Nela, até agora, não pudemos saber que haja ouro nem prata... porém a terra em si é de muito bons ares, assim frios e temperados... Águas são muitas; infindas. E em tal maneira é graciosa, que querendo-a aproveitar, dar-se-á nela tudo por bem das águas que tem. Porém o melhor fruto que dela se pode tirar me parece salvar esta gente. E esta deve ser a principal semente que Vossa Alteza em nela deve lançar. O autor fala em salvar esta gente. Sabendo que salvar é livrar de ruína ou perigo, de que ruína do ponto de vista europeu se trata? I Este texto foi escrito pelo Pe. José de Anchieta e salvar esta gente significa, no texto, o trabalho missionário para converter os índios brasileiros ao cristianismo. II O texto refere-se a uma carta ao rei de Portugal denunciando os poetas que faziam parte da Inconfidência Mineira, período literário conhecido como Arcadismo. III Este texto refere-se ao período literário conhecido como Literatura de Informação e salvar esta gente significa converter os nativos da nação brasileira ao cristianismo. Assinale a alternativa correta: A) As afirmações I e III estão corretas. B) Somente a afirmativa I é correta. C) Somente a afirmativa II é correta. D) Somente a afirmativa III é correta. E) Nenhuma informação está correta.

7 7 07. Leia atentamente as duas liras, referentes ao poema Marília de Dirceu, para responder à questão: Lira I (1 a parte) Eu, Marília, não sou vaqueiro, Que viva a guardar alheio gado, De tosco trato, de expressões grosseiro, Dos frios gelos, e dos lençóis queimados. Tenho próprio casal e nele assisto; Dá-me vinho, legume, fruta, azeite; Lira XV ( a parte) Eu, Marília, não fui nenhum Vaqueiro, Fui honrado Pastor da tua Aldeia; Vestia finas lãs e tinha sempre A minha choça do preciso cheia. Tiraram-me o casal e o manso gado, Nem tenho, a que me encoste, um só cajado Das brancas ovelhinhas tiro o leite, E mais as finas lãs, de que me visto. Graças, Marília, bela, Graças à minha estrela A) Há, nas duas partes do poema, clara preocupação com os aspectos formais em detrimento às temáticas do período literário de que faz parte. B) Há, nas duas partes do poema, preocupação do poeta com a forma rebuscada e a presença de elementos contraditórios característicos deste período literário. C) A primeira parte caracteriza-se por uma vida simples, provida apenas do necessário e, na segunda, há uma mudança clara de tom, o eu-lírico revela sofrimento e as alegrias fazem parte do passado. D) Somente na primeira parte do poema evidenciam-se as características do Arcadismo. E) Somente na segunda parte do poema as características do arcadismo se manifestam mais claramente. 08. Leia atentamente o texto abaixo, fragmento de um soneto de Gregório de Matos, para responder à questão: Triste Bahia! Oh quão dessemelhante Estás, e estou do nosso antigo estado! Pobre te vejo a ti, tu a mi empenhado, Rica te vejo eu já, tu a mi abundante. São recursos típicos da estética barroca, presentes no fragmento acima, exceto: A) a prosopopéia; B) o quiasmo; C) o paradoxo; D) o hipérbato; E) a antítese. 09. A produção poética de Gregório de Matos contempla: I O tema do amor, sendo que, nestas produções, a figura feminina, independentemente de sua condição social, é sempre apresentada de forma idealizada; II O tema religioso, por meio do qual se expressam os conflitos de um eu-poético dividido entre a consciência da culpa e a necessidade do perdão divino; III A sátira por meio da qual se manifesta o inconformismo com as novas situações sociais que se criam na Bahia e que, na visão do poeta, são injustas e degradantes. Assim, de acordo com as afirmações acima, assinale:

8 8 A) se todas as afirmações estiverem corretas; B) se todas estiverem incorretas; C) se somente I e II estiverem corretas; D) se somente I e III estiverem corretas; E) se somente II e III estiverem corretas. 10. A Farsa de Inês Pereira, de Gil Vicente, teve como mote para sua criação a seguinte expressão: mais quero asno que me leve que cavalo que me derrube. Assim, assinale a alternativa que melhor explique o conteúdo do mote citado, de acordo com o contexto da obra: A) Inês sempre prefere os asnos, porque os cavalos são muito afoitos; B) a certa altura da história, ao subir às costas de Pero Marques, este se transforma em asno; C) Inês precisa deixar claro, por meio dessa frase, que quer chegar com segurança ao seu encontro amoroso; D) no contexto da história, a expressão refere-se a Brás da Mata e a Pero Marques, respectivamente o cavalo e o asno ; E) a frase nada mais é do que uma advertência a Brísia Vaz, a alcoviteira, sobre as montarias com que deveria fugir dos ataques dos frades libidinosos.

9 9 M A T E M Á T I C A O resultado de cada um das expressões: (-1 ) e e 1 + 1, é, respectivamente: A) - 4 e - B) 0,5 e 3 C) - 1 e 0,5 5 D) - 3 e 6 E) -1 e, No PAS de certa escola, para cada questão que o candidato acertasse ele ganharia 4 pontos e perderia pontos para cada questão assinalada incorretamente. Se o número total de questões da prova era 100 e se um determinado candidato obteve nota final igual a 340 pontos, pode-se afirmar, em relação a este candidato, que: A) a diferença entre o número de acertos e o número de erros é igual a 80 B) a diferença entre o número de acertos e o número de erros é igual a 85 C) a diferença entre o número de acertos e o número de erros é igual a 65 D) a diferença entre o número de acertos e o número de erros é igual a 49 E) a diferença entre o número de acertos e o número de erros é igual a x 13. O conjunto solução da ineqüação 0 3x + 9 ( x 3x 10) ( x + 5x) são, respectivamente: x 5 x + ( ) ( x) e resultado da simplificação da expressão literal: A) S ={ x R / x > 3 } e - 1 B) S ={ x R / x ou x > 4 } e - C) S ={ x R / 3 < x } e 1 D) S ={ x R / 3 < x } e 3 E) S ={ x R/ x } e zero 14. A razão entre as idades de um pai e de seu filho é 3 8. De hoje a 10 anos, a idade do pai passaria a ser o dobro da idade do filho. Logo, a soma das idades efetivas do pai e do filho é: A) 68 anos B) 90 anos C) 76 anos D) 55 anos E) 88 anos 15. Paulo comprou uma mercadoria por R$ 500,00 e a vendeu com um lucro de 0% sobre o preço de venda. Quem a comprou, revendeu-a com um prejuízo de 10 % sobre o preço que por ela pagou. Logo, essa mercadoria foi revendida por:

10 10 A) R$ 56,50 B) R$ 367,00 C) R$ 65,60 D) R$ 430,40 E) R$ 74, Sejam as funções: y = x - 6x + 8 (cujo gráfico é uma parábola) e y = - x (cujo gráfico é uma reta). O conjunto Imagem de f(x) e os pontos de interseção da reta com a parábola são, respectivamente: A) Im(f) = { y R / y 6 } e V = { ( 3, 4 ), (, 0) } B) Im(f) = { y R / y } e V = { (, -1 ), ( 4, 0) } C) Im(f) = { y R / y } e V = { (0, -1 ), (, 3) } D) Im(f) = { y R / y 1} e V = { (-3, 1 ), (,- ) } E) Im(f) = { y R / y 1} e V = { (3, -1 ), (, 0) } 17. Sejam: R T = - q + 18q (a equação da receita total de certa empresa em que o q representa a quantidade produzida e vendida) e C T = 6q + 8 (a equação do Custo Total de certa empresa, em que 6 é o custo de cada produto e q quantidade produzida e 8 é o custo fixo associado à produção). Considerando-se que o Lucro Total é igual à diferença entre a Receita Total e o Custo Total, ou seja, L T = R T - C T, calcule a equação do lucro total e o lucro Máximo, utilizando-se dos conceitos que você aprendeu quando estudou função do.º grau. A equação do lucro total e o lucro máximo são, respectivamente: A) L T = - q + 1q + 8 e L máximo = R$ 4,00 B) L T = - q - q 8 e L máximo = R$ 10,00 C) L T = - q + 1q 8 e L máximo = R$ 8,00 D) L T = - q + 1q 8 e L máximo = R$ 36,00 E) L T = - q - q 8 e L máximo = R$ 1,00 1 x 3 5 3x + 4, Resolvendo: = 4 e log3(x 11) log3 (3 4x) chega-se respectivamente 8 ao conjunto Verdade e ao conjunto Solução, respectivamente: A) V = { - } e S = {x R/ x } B) V = { 1} e S = {x R/ x 1} C) V = { 15 8 } e S = {x R/ x < - 3} 41 D) V = { } e S = {x R/ x 1} 36 E) V = { - } e S = {x / x > 1} 19. Dos alunos que participaram do PAS do Uni-FACEF/005, 30% pretendem fazer Administração, 18% Contábeis, 10% Economia, 10% Turismo e Hotelaria, 10% Psicologia, 1% Letras e os restantes fariam Matemática. Se os pretendentes a Administração e a Contábeis, juntos, totalizaram 360 alunos, quantos alunos pretendem fazer Matemática? A) 8 alunos B) 68 alunos C) 44 alunos D) 75 alunos

11 11 E) 10 alunos 0. Seja um triângulo retângulo de altura igual a m e de base igual a 0,16 hm. A medida do lado de um quadrado cuja área seja igual ao quádruplo da área do triângulo retângulo acima é: A) 1, dam B) 5 m C) 15 m D) 0,6 dam E) 8 m

12 1 CONHECIMENTOS GERAIS HISTÓRIA, GEOGRAFIA E BIOLOGIA 1. A constituição que nos rege nada tem de invejar à dos outros povos; não imita nenhuma outra; ao contrário, serve-lhe de modelo. Seu nome é democracia, porque não funciona no interesse duma minoria, mas em benefício do maior número. Tem por princípio fundamental a igualdade. Na vida privada, a lei não faz diferença alguma entre os cidadãos. Na vida pública, a consideração não se ganha pelo nascimento ou pela fortuna, mas unicamente pelo mérito; e não são as distinções sociais, mas a competência e o talento que abrem o caminho das honrarias. Em Atenas, todos entendem de política e se preocupam com ela, e aquele que se mantém afastado dos negócios públicos é considerado um ser inútil. Reunidos em Assembléia, os cidadãos sabem julgar corretamente quais são as melhores soluções, porque não acreditam que a palavra prejudique a ação e, pelo contrário, desejam que a luz surja da discussão. (Trecho de um discurso de Péricles, citado por Tucídides na obra História da Guerra do Peloponeso, século V a.c. Apud BECKER, Idel. Pequena história da civilização ocidental. São Paulo: Nacional, 1980, p.17). No discurso citado, Péricles, governo de Atenas entre os anos 444a.C. e 449a.C., exalta a democracia ateniense. Comparando a democracia e a cidadania atenienses à época de Péricles com a democracia e a cidadania que se desenvolveu no mundo moderno ocidental, podemos dizer que: A) Assim como ocorria na democracia ateniense, também na democracia moderna todos são considerados cidadãos, tendo, portanto, direito igual de participar das decisões políticas e de exercer funções públicas, independentemente da classe social e do sexo. B) Uma das grandes semelhanças entre o cidadão moderno e o cidadão ateniense é o grande valor que ambos conferem à participação política. Nesse sentido, tanto para o ateniense como para o homem atual, a vida pública é mais valorizada que a vida privada. C) Enquanto a cidadania grega se limitava praticamente aos direitos políticos e restringia esses direitos a uma pequena parcela da população, a cidadania do mundo moderno ocidental passou a ampliar cada vez mais a esfera dos direitos do homem, chegando inclusive a estabelecer direitos sociais como, por exemplo, os direitos trabalhistas e previdenciários que atualmente estão presentes na constituição de vários países, e a estender, cada vez mais, os direitos de cidadania aos grupos que se encontravam excluídos. D) A história nos mostra que tanto a democracia e a cidadania atenienses como a democracia e a cidadania que surge no mundo moderno ocidental nunca sofreram reveses ou retrocessos, pois sempre seguiram um percurso livre de governos autoritários e ditatoriais. E) A maior semelhança entre a democracia ateniense e a democracia moderna está na participação política por meio do voto secreto e universal, sistema pelo qual o cidadão elege candidatos para representá-lo no governo. Por isso, ambas as democracias são chamadas de representativas ou indiretas.. A crise do feudalismo enfraqueceu o poder local da nobreza, abrindo espaço para a centralização do poder político pelos reis. O poder real tornou-se nacional e monopolizou a força, a tributação, a justiça e a administração. Em alguns Estados nacionais, o rei era visto como representante de Deus na Terra. Era, ao mesmo tempo, defensor da Igreja e da pátria, protetor das artes, legislador e representante do Estado. O governo de Luís XIV ( ) na França se constituiu no mais expressivo exemplo desse sistema de governo. Certa vez, o próprio Luís XIV expressou todo o seu poder numa frase: O Estado sou eu. O texto se refere: A) à formação das monarquias constitucionais durante a Alta Idade Média, com a concentração absoluta do poder nas mãos dos reis e o fim definitivo do poder dos senhores feudais. B) à formação dos Estados nacionais modernos na Europa enquanto monarquias absolutistas. C) à formação dos Estados nacionais republicanos e parlamentares na Europa. D) à formação dos Estados democráticos na Europa durante a Idade Moderna. E) à sobrevivência do poder fragmentado típico do feudalismo, que depois de superar a aguda crise do século XIV conseguiu sobreviver sem grandes mudanças até a Revolução Francesa, graças ao apoio dos reis à nobreza feudal na luta contra a burguesia. 3. A economia auto-suficiente foi sendo substituída por uma economia comercial. Senhores foram estimulados a consumir novos produtos e, para tanto, foram obrigados a aumentar suas rendas, produzindo para o mercado urbano. As feiras medievais foram se transformando em centros

13 13 permanentes, dando origem a várias cidades mercantis. Ao mesmo tempo foi surgindo um novo grupo social ligado ao comércio: a burguesia. Os servos foram se transformando em homens livres que passaram a viver do arrendamento de terras com base em contratos, da atividade comercial, como artesãos ou como diaristas que recebiam por jornada nas indústrias mais desenvolvidas. Posteriormente, o trabalho assalariado se instala, separando claramente os possuidores dos meios de produção e os que dependem da venda da força de trabalho para sobreviver. O texto faz referência às transformações que marcaram: A) A passagem da Antigüidade à Idade Média B) A expansão marítima européia C) Ao desenvolvimento e consolidação do capitalismo financeiro por todo o mundo ocidental, ocorrido a partir do final do século XIX. D) A passagem do feudalismo ao capitalismo E) Ao desenvolvimento dos Estados Unidos da América, país que graças a essas transformações alcançou grande progresso e se tornou a nação mais desenvolvida do mundo. 4. A América, continente em que vivemos, foi descoberta em 149 por Cristóvão Colombo, que morreu acreditando ter chegado às Índias. Em 1507, um geógrafo alemão, Martin Waldseemüller, recomendou que atribuíssem o nome de América às terras visitadas por Vespúcio. A denominação foi aceita, e com o tempo, se propagou a todas as terras situadas desde o Alasca até a Terra do Fogo. O continente americano possui cerca de 4 milhões de Km de extensão, constituindo o segundo maior conjunto territorial do mundo, superado apenas pela Ásia. É um continente maciço, sem grandes recortes litorâneos que se alonga no sentido dos meridianos e localiza-se totalmente no hemisfério ocidental. Alongando-se no sentido dos meridianos, o nosso continente constituía uma barreira para a navegação marítima no sentido oeste-leste, o que no passado obrigava os navegantes a fazerem longas viagens para contorná-lo. O problema da navegação foi solucionado com: A) a abertura do Canal da Mancha em 190. B) a abertura do Estreito de Magalhães em C) a abertura do Canal de Suez em D) a abertura do Canal do Panamá em E) a abertura do Estreito de Bering em Em 1959, todos os norte-americanos saudavam a admissão do 49 o Estado aos Estados Unidos, passando a constituir, a partir de sua anexação, o mais extenso Estado do país, com 1,5 milhões de Km². (...) Por outro lado, o 50 o Estado encontra-se distante 3.00 Km da costa ocidental dos Estados Unidos, e é composto por vinte ilhas, que formam o arquipélago, estendido, como um colar, por.560 Km. Dos cinco vulcões que são encontrados na maior das ilhas, dois voltaram a ser ativos, o Kilauea e o Mauna Loa, que após dormir 116 anos, entrou novamente em erupção em abril de A mais conhecida das ilhas é Cachu, de 64 Km de comprimento por 4 de largura. Nela se encontra a capital Honolulu, que abrange mais da metade da população do Estado. Estamos nos referindo respectivamente aos Estados americanos: A) Porto Rico e Califórnia. B) Alasca e Havaí. C) Califórnia e Flórida. D) Flórida e Havaí. E) Alasca e Porto Rico. 6. A partir da Revolução Industrial, o avanço tecnológico e cultural do homem e a proliferação de estabelecimentos industriais provocaram grandes mudanças de caráter social e econômico. Os países que passaram por estas transformações e que conseguiram acumular o capital necessário para intensificar e aperfeiçoar a atividade industrial formam hoje o bloco de países desenvolvidos. Os demais países, por não possuírem bons recursos naturais, humanos ou tecnológicos, permanecem com uma economia tradicional, voltada para o fornecimento de matérias primas e gêneros alimentícios, sendo considerados subdesenvolvidos. Fazem parte do rol dos subdesenvolvidos os países da América Latina que, apesar de se diferenciarem quanto às suas economias, têm certas características em comum. EXCETO:

14 14 A) São fornecedores de produtos primários para os países desenvolvidos, num comércio externo não favorável às suas economias. B) Possuem, em larga proporção, o comércio, a agricultura, os serviços, a indústria e a mineração controlados por capital estrangeiro isoladamente, ou por associação a grupos nacionais, provocando intensa desnacionalização de suas economias. C) São, entretanto, países de economia independente, possuindo ainda independência científica e tecnológica. D) Exibem péssimas condições de vida da maioria da população: subnutrição, baixa renda, altas taxas de mortalidade infantil, péssimas condições de saneamento básico etc. E) Têm uma injusta distribuição de terra entre os trabalhadores rurais, com maior concentração nas mãos de poucos proprietários nacionais e estrangeiros. 7. O beribéri já era conhecido, desde as grandes navegações, nos séculos XVI e XVII. No Brasil, foi chamado de inchação das pernas ou epidemia das pernas inchadas, por causa de um dos seus sintomas. Roberto de Andrade Martins. Contágio. Moderna, 1997 Algumas pinturas de Portinari mostram pessoas com os membros inchados, como se estivessem com beribéri. Sobre este tipo de enfermidade, podemos concluir que: A) é uma doença contagiosa, pois se espalha facilmente em aglomerações de pessoas. B) alimentos contaminados ou estragados podem transmitir esta doença. C) é de origem alimentar; carência de vitaminas B 1, B e B 6. D) andar calçado é um modo de prevenir esta doença. E) é transmitida pela picada do mosquito do gênero Culex. 8. A informação genética é codificada na estrutura molecular dos ácidos nucléicos, que existem em dois tipos: ácido desoxirribonucléico (DNA) e ácido ribonucléico (RNA). A maioria dos organismos possui sua informação genética em DNA, mas alguns vírus a levam em RNA. Numa célula eucariótica, como a informação genética é transferida do núcleo para o hialoplasma? A) pelo pareamento e a separação de cromossomos durante a divisão celular. B) pelas proteínas histonas associadas ao DNA. C) pelas quatro bases nitrogenadas adenina, uracila, citosina e timina, do DNA. D) do RNA para o DNA. E) do DNA para o RNA e para uma proteína. 9. A cutia e a onça podem ser encontradas na mata Atlântica. A cutia é herbívora, alimentando-se de frutos, sementes e folhas; abriga-se em tocas ou em tocos de árvores e serve de alimento para animais diversos, como a própria onça. Já a onça é carnívora, alimenta-se de animais diversos, como tatus e macacos, e não vive em tocas. Com relação à cutia e à onça, essa descrição corresponde ao que em Ecologia se denomina: A) nicho ecológico. B) habitat preferencial. C) bioma específico.

15 15 D) biótopo preferencial. E) valência ecológica. 30. As drogas continuam fazendo parte da vida de todos os povos, seja através do cigarro, dos analgésicos para dor de cabeça e principalmente das bebidas alcoólicas. Essas drogas têm seu uso liberado e incentivado pela publicidade, embora façam tão mal quanto as que são proibidas. O álcool causa gastrite, úlceras e câncer no estômago, aumento da pressão do sangue, hepatite e, principalmente, a cirrose, doença fatal que atinge o fígado. O fígado e os rins têm um importante papel na destruição de moléculas tóxicas, aproximadamente metade do álcool que ingerimos é oxidado no fígado por enzimas existentes: A) nas mitocôndrias. B) nos peroxissomos. C) nos lisossomos. D) nos ribossomos. E) nos centríolos.

16 16 L Í N G U A I N G L E S A The questions 31, 3, 33 and 34 are related to the text below. Choose the best alternative. Explosive Growth One attraction of the city is the great number of choices in work, recreation, and social contacts that it offers residents. Cultural and recreational facilities have always been part of every city. But living in large cities has its costs. Laws and the police control human behaviour but the opportunities for crime, alcoholism, and drug abuse are much greater. On the one hand, cities offer the best of human culture from restaurants and theatres to museums, art galleries, symphony orchestras and universities. On the other hand, they generate juvenile delinquency, prostitution, murder, suicide, and mental breakdowns. Urbanisation seems to be an inevitable part of modernisation. At the end of the 0 th century the world s fastest growing urban areas are in the developing countries. These are also experiencing the greatest overall population increases. In the Western hemisphere, Mexico City and São Paulo have showed the most explosive growth. In contrast, many large cities in the developed world are scarcely growing; some are losing population. The urban areas of most developing countries show a complete mixture of modern, Western technology and architecture with traditional customs and styles of living. One of the main problems of developing countries is that their cities grow faster than their capacity to provide the basic necessities of life. Also, much of their working population is unemployed or underemployed. Source: Society and Humanities - Richmond Publishing 31. De acordo com o texto: A) Uma cidade nunca oferece o que seus residentes esperam. B) Os residentes de uma cidade se sentem atraídos pelas opções de recreação. C) Alternativas de recreação, entre outras coisas, são normalmente encontradas em uma cidade. D) Facilidades culturais e recreativas são difíceis de serem encontradas em uma cidade. E) Residentes de uma cidade são socialmente mais aceitos. 3. Segundo o texto: A) O crime, o alcoolismo e o uso de drogas só acontecem nas cidades grandes. B) O controle da polícia e das leis não são suficientes para prevenir o crime na cidade grande. C) As ofertas de programas culturais compensam os perigos existentes nas cidades grandes. D) Todas as pessoas que moram em uma cidade grande, vão ter, mais cedo ou mais tarde, um stress emocional. E) Apesar de todas as desvantagens, morar em uma cidade grande ainda é a melhor opção. 33. No texto: A) A urbanização aparece como uma conseqüência inevitável da modernização. B) Urbanização e modernização são incompatíveis. C) Os países desenvolvidos não mostraram crescimento de áreas urbanas no fim do século XX. D) Os países desenvolvidos são os mais populosos. E) As duas cidades que mostraram crescimento mais explosivo estão no hemisfério leste. 34. Qual dessas afirmações é a correta, de acordo com o texto? A) Todas as cidades de países desenvolvidos pararam de crescer no fim do século XX. B) As áreas urbanas dos países subdesenvolvidos se descaracterizaram. C) As áreas urbanas, a tecnologia e a arquitetura ocidentais se chocam com os costumes e estilos de vida tradicionais. D) A taxa de desemprego nas áreas urbanas não chega a ser um problema. E) O crescimento das cidades e sua capacidade de oferecer as necessidades básicas da vida são incompatíveis. 35. In the sentence On the other hand, they generate juvenile deliquency, prostitution, the underlined word they refers to:

17 17 A) restaurants, theatres, museums. B) cities. C) hands. D) juvenile delinquency, prostitution and murder. E) Mental breakdowns. 36. The negative version of the sentence Urbanisation seems to be an inevitable part of modernisation, is: A) Urbanisation don t seem to be B) Urbanisation not seems to be C) Urbanization doesn t seems to be D) Urbanisation doesn t seem to be E) Urbanization isn t seem to be 37. Choose the best alternative to complete this sentence: My mother and I very good friends. have differences but never really argue about unimportant things. A) are We our. B) are We us. C) am Our our. D) am They us. E) are We ours. 38. Choose the correct alternative: Last night a bus against the house and an old lady. A) crash kill. B) crashes killed. C) crashed killed. D) crashed kills. E) crashes kills. 39. The plural form of the sentence That woman plays volleyball, but she s not training because she broke her foot is: A) Those womans play volleyball, but they re not training because they broke their foot. B) Those women play volleyball, but they re not training because they broke their foots. C) Those women play volleyball, but they re not training because they broke their feet. D) Those womans play volleyball, but they re not training because they broke their feets. E) Those women play volleyball, but they re not training because they broke their foot. 40. Read the following statement and choose the best alternative to fill in the gaps: The first five years of are critical, the experts tell. That s when their characters are formed. That s caring counts. A) the child s life us when when. B) life of a child we why when. C) the life of a child we when why. D) a child s life us why how. E) a child s life us when when.

18 18 R E D A Ç Ã O Leia atentamente os quatro fragmentos de textos apresentados a seguir. I Brasil: futebol e identidade nacional RIBEIRO, Luiz Carlos. Revista Digital - Buenos Aires - Año 8 - N 56 - Enero de 003 O que se observa, nessa trajetória do século XX, é o papel fundamental que o futebol teve na construção da identidade nacional brasileira, na medida em que foi se transformando numa "paixão nacional", compondo de maneira significativa o mosaico da cultura política nacional. Assim como o carnaval e o samba, o futebol é um dos patrimônios culturais brasileiros. O estudo desses movimentos culturais revela como a política de construção e legitimação de uma identidade nacional dialoga com eles. Percebe-se uma relação tensa, na medida em que há manifestações explícitas de manipulação política do futebol, procurando usar a sua força emocional como forma de dar legitimidade a determinadas ações políticas. Ao mesmo tempo, o futebol guarda a sua autonomia, pois a sua força emocional e ideológica depende muito mais dos dribles individuais do que da vontade política. O futebol tem um grau de autonomia que passa necessariamente pela genialidade individual do jogador, assim como aconteceu com Leônidas, Pelé e Garrincha, e acontece ainda hoje com Romário ou Ronaldinho. É essa "incerteza" da ação individual que destrói qualquer possibilidade de determinação e manipulação absoluta da estrutura política. Do mesmo modo, é facilmente verificável como as figuras frágeis desses indivíduos são fundamentais na construção da identidade nacional. Os seus desempenhos nos campos determinam em alguns momentos mágicos - como nos campeonatos mundiais - a essência nacional. A nação fica dependente da genialidade desses indivíduos, na sua grande maioria, pessoas de origem humilde - negros, índios ou brancos -, quase todos pobres e semianalfabetos, vindos de bairros proletários, de favelas ou de áreas agrícolas. O diálogo desses indivíduos com os diversos processos de modernização forçada que o Brasil viveu nesse "breve século XX" evidencia tanto a força quanto a fragilidade da nação Brasil. A frase de Romário, pronunciada antes da conquista da Copa de 1994, nos EUA, expressa com um certo super-realismo essa nossa idéia: Acho que depois de tanta coisa ruim e triste que aconteceu este ano (...), o Brasil merece a Copa. Eu posso colocar a Copa do Mundo para o brasileiro como se fosse um prato de comida. Se a gente ganhar esta Copa, estará dando um prato de comida para esse povo que está com fome. II País do futebol "No futebol, quando o presidente do clube acha que as coisas não vão bem, ele demite, sem pestanejar, comissão técnica, diretores de futebol e outros. O presidente Lula dormiu no ponto. Quando percebeu que o governo rumava para um desastre, deveria ter demitido todo o primeiro e o segundo escalão, além dos milhares de apadrinhados, para que sua credibilidade não despencasse. Enquanto isso, nós, brasileiros, vamos torcendo pelo nosso futebol, pulando o Carnaval e tomando nossa cerveja. GRANZOTTO, Valentim. Folha de São Paulo, 0 de julho de 005. III DA SUCURSAL DO RIO Folha de São Paulo, sábado, 3 de julho de 005. O jornal britânico "The Independent" publica na sua edição de hoje um pedido de desculpas a modelo Luma de Oliveira, por ter usado uma foto dela para ilustrar reportagem sobre o escândalo envolvendo executivos da Volkswagen alemã, que teriam usado dinheiro da empresa para pagar prostitutas em viagem pelo Brasil A advogada Imogen Haddon, do departamento jurídico do "Independent", enviou os termos da correção do jornal ao advogado de Luma, Michel Assef. "Reportagem publicada na quinta-feira sobre o recente affair Volkswagen foi ilustrada com uma foto de uma sambista. A foto, na realidade, era da modelo e atriz brasileira Luma de Oliveira. Não tínhamos a intenção de sugerir qualquer ligação de Luma de Oliveira com o affair VW e pedimos desculpas se a ilustração causou qualquer constrangimento", afirma a retificação do jornal. Mas Assef reafirmou que a modelo processará o "Independent". "A reparação pelo dano causado a Luma de Oliveira será perseguida judicialmente, diante da ação que já está sendo redigida", afirmou o advogado.

19 19 "Minha revolta vai muito além do meu constrangimento pessoal. Nenhum jornal do mundo tem o direito de relacionar a prostituição com o Carnaval do Brasil, que é levado muito a sério. Portanto, maior do que o meu constrangimento é minha indignação como mulher brasileira apaixonada pelo Carnaval", disse Luma em nota anteontem. A reportagem tinha o título "A história do affair VW" e falava sobre o escândalo que causou a demissão do diretor de recursos humanos da VW alemã, Peter Hartz. Uma das acusações contra Hartz é a de que ele autorizou que funcionários pagassem viagens de luxo e prostitutas no Brasil com dinheiro da empresa. IV Elegia carioca Carlos Drummond de Andrade Nesta cidade vivo há 40 anos há 40 anos vivo esta cidade a cidade me vive há 40 anos [...] Rio onde viver é uma promissória sempre renovada e o sol da praia paga nossas dívidas de classe média enquanto multidões penduradas nos trens elétricos desfilam interminavelmente na indistinção entre vida e morte futebol e carnaval e vão caindo pelo leito da estrada os morituros [...] Ser um contigo, ó cidade é prêmio ou pena? Já nem sei se te pranteio ou te agradeço por este jantar de luz que me ofereces e a ácida sobremesa de problemas que comigo repartes no incessante fazer-se, desfazer-se que um Rio novo molda a cada instante e a cada instante mata um Rio amantiamado há 40 anos. Tome como base as leituras anteriores e elabore um texto argumentativo com o tema: IDENTIDADE NACIONAL: FUTEBOL E CARNAVAL? Não se esqueça de colocar um título.

CONHECIMENTOS GERAIS

CONHECIMENTOS GERAIS De acordo com o comando a que cada um dos itens de 1 a 100 se refira, marque, na folha de respostas, para cada item: o campo designado com o código C, caso julgue o item CERTO; ou o campo designado com

Leia mais

Você sabia que... Alguns fatos sobre o meu país

Você sabia que... Alguns fatos sobre o meu país Brasil Você sabia que... A pobreza e a desigualdade causam a fome e a malnutrição. Os alimentos e outros bens e serviços básicos que afetam a segurança dos alimentos, a saúde e a nutrição água potável,

Leia mais

GABARITO PRÉ-VESTIBULAR

GABARITO PRÉ-VESTIBULAR LINGUAGENS 01. C 02. D 03. C 04. B 05. C 06. C 07. * 08. B 09. A 10. D 11. B 12. A 13. D 14. B 15. D LÍNGUA ESTRANGEIRA 16. D 17. A 18. D 19. B 20. B 21. D MATEMÁTICA 22. D 23. C De acordo com as informações,

Leia mais

5 ADOLESCÊNCIA. 5.1. Passagem da Infância Para a Adolescência

5 ADOLESCÊNCIA. 5.1. Passagem da Infância Para a Adolescência 43 5 ADOLESCÊNCIA O termo adolescência, tão utilizado pelas classes médias e altas, não costumam fazer parte do vocabulário das mulheres entrevistadas. Seu emprego ocorre mais entre aquelas que por trabalhar

Leia mais

CADERNO DE PROVA 2.ª FASE. Nome do candidato. Coordenação de Exames Vestibulares

CADERNO DE PROVA 2.ª FASE. Nome do candidato. Coordenação de Exames Vestibulares CADERNO DE PROVA 2.ª FASE Nome do candidato Nome do curso / Turno Local de oferta do curso N.º de inscrição Assinatura do candidato Coordenação de Exames Vestibulares I N S T R U Ç Õ E S LEIA COM ATENÇÃO

Leia mais

texto I partes I e II Língua Portuguesa e Matemática Futebol de rua De preferência os novos, do colégio.

texto I partes I e II Língua Portuguesa e Matemática Futebol de rua De preferência os novos, do colégio. partes I e II Língua Portuguesa e Matemática texto I Futebol de rua Pelada é o futebol de campinho, de terreno baldio. Mas existe um tipo de futebol ainda mais rudimentar do que a pelada. É o futebol de

Leia mais

COLÉGIO MARISTA DE BRASÍLIA Educação Infantil e Ensino Fundamental Aluno(a): 8º Ano: Nº Professor(a): Data: / / Componente Curricular: HISTÓRIA

COLÉGIO MARISTA DE BRASÍLIA Educação Infantil e Ensino Fundamental Aluno(a): 8º Ano: Nº Professor(a): Data: / / Componente Curricular: HISTÓRIA COLÉGIO MARISTA DE BRASÍLIA Educação Infantil e Ensino Fundamental Aluno(a): 8º Ano: Nº Professor(a): Data: / / Componente Curricular: HISTÓRIA 2011/HIST8ANOEXE2-PARC-1ºTRI-I AVALIAÇÃO PARCIAL 1º TRIMESTRE

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA E LITERATURA BRASILEIRA

LÍNGUA PORTUGUESA E LITERATURA BRASILEIRA LÍNGUA PORTUGUESA E LITERATURA BRASILEIRA Prova de 2 a Etapa SÓ ABRA QUANDO AUTORIZADO. Leia atentamente as instruções que se seguem. 1 - Este caderno contém seis questões, abrangendo um total de nove

Leia mais

EDITAL Nº 005/2010 EXAME DE SELEÇÃO 2011/1 - UCEFF FACULDADES

EDITAL Nº 005/2010 EXAME DE SELEÇÃO 2011/1 - UCEFF FACULDADES EDITAL Nº 005/2010 EXAME DE SELEÇÃO 2011/1 - UCEFF FACULDADES 1. ABERTURA A Faculdade de Empresarial de Chapecó mantida pela Unidade Central de Educação FAEM Faculdade Ldta UCEFF Faculdades, de acordo

Leia mais

Como utilizar este caderno

Como utilizar este caderno INTRODUÇÃO O objetivo deste livreto é de ajudar os grupos da Pastoral de Jovens do Meio Popular da cidade e do campo a definir a sua identidade. A consciência de classe, ou seja, a consciência de "quem

Leia mais

5º Ano O amor é paciente. (I Coríntios 13:4 a)

5º Ano O amor é paciente. (I Coríntios 13:4 a) 5º Ano O amor é paciente. (I Coríntios 13:4 a) Roteiro Semanal de Atividades de Casa (06 a 10 de Maio 013) Desafio! 1) Agora, temos um desafio com formas geométricas. Observe. ) Complete a sequência seguindo

Leia mais

EDITAL Nº 010/2012 VESTIBULAR DE VERÃO 2013/1- UCEFF FACULDADES

EDITAL Nº 010/2012 VESTIBULAR DE VERÃO 2013/1- UCEFF FACULDADES EDITAL Nº 010/2012 VESTIBULAR DE VERÃO 2013/1- UCEFF FACULDADES 1. ABERTURA A Faculdade de Empresarial de Chapecó mantida pela Unidade Central de Educação FAEM Faculdade Ldta UCEFF Faculdades, de acordo

Leia mais

Prefeito de São Bernardo do Campo: Hoje tem um show no Cedesc, às 18 horas (incompreensível).

Prefeito de São Bernardo do Campo: Hoje tem um show no Cedesc, às 18 horas (incompreensível). , Luiz Inácio Lula da Silva, durante a inauguração da República Terapêutica e do Consultório de Rua para Dependentes Químicos e outras ações relacionadas ao Plano Integrado de Enfrentamento ao Crack São

Leia mais

Adeus à informalidade

Adeus à informalidade Adeus à informalidade A UU L AL A M Ó D U L O 23 E agora? Hilda nunca tinha imaginado que era preciso tanto papel, tanta espera, tantas idas e vindas para abrir uma pequena empresa. De uma coisa, no entanto,

Leia mais

Das 12 às 22horas (Segunda a Sexta) Das 8 às 11horas (Sábado) Internet www.unifafibe.com.br Até 24 de setembro de 2015

Das 12 às 22horas (Segunda a Sexta) Das 8 às 11horas (Sábado) Internet www.unifafibe.com.br Até 24 de setembro de 2015 Caro Estudante, A finalidade deste manual é oferecer aos candidatos as informações necessárias para uma boa preparação ao Processo Seletivo do. Além do calendário do Processo Seletivo, este manual traz

Leia mais

Em algum lugar de mim

Em algum lugar de mim Em algum lugar de mim (Drama em ato único) Autor: Mailson Soares A - Eu vi um homem... C - Homem? Que homem? A - Um viajante... C - Ele te viu? A - Não, ia muito longe! B - Do que vocês estão falando?

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGOS EFETIVOS DA CÂMARA MUNICIPAL DE UBAÍ EDITAL 1/2013

CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGOS EFETIVOS DA CÂMARA MUNICIPAL DE UBAÍ EDITAL 1/2013 CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGOS EFETIVOS DA CÂMARA MUNICIPAL DE UBAÍ EDITAL 1/2013 ESTE CADERNO DE PROVAS DESTINA-SE AOS CANDIDATOS AO SEGUINTE CARGO: Auxiliar de Serviços Gerais I PROVAS DE

Leia mais

É PROIBIDO O USO COMERCIAL DESSA OBRA SEM A AUTORIZAÇÃO DO AUTOR

É PROIBIDO O USO COMERCIAL DESSA OBRA SEM A AUTORIZAÇÃO DO AUTOR É PROIBIDO O USO COMERCIAL DESSA OBRA SEM A AUTORIZAÇÃO DO AUTOR Introdução: Aqui nesse pequeno e-book nós vamos relacionar cinco super dicas que vão deixar você bem mais perto de realizar o seu sonho

Leia mais

Discurso de Luiz Inácio Lula da Silva Seminário do Prêmio Global de Alimentação Des Moines, Estados Unidos 14 de outubro de 2011

Discurso de Luiz Inácio Lula da Silva Seminário do Prêmio Global de Alimentação Des Moines, Estados Unidos 14 de outubro de 2011 Discurso de Luiz Inácio Lula da Silva Seminário do Prêmio Global de Alimentação Des Moines, Estados Unidos 14 de outubro de 2011 Estou muito honrado com o convite para participar deste encontro, que conta

Leia mais

1 - DAS INSCRIÇÕES. 1.4 Portadores de necessidades especiais:

1 - DAS INSCRIÇÕES. 1.4 Portadores de necessidades especiais: 1 - DAS INSCRIÇÕES Cursos de Arquitetura e Urbanismo noturno, Administração noturno, Administração vespertino, Biomedicina noturno, Ciências Biológicas Bacharelado noturno, Ciências Biológicas Licenciatura

Leia mais

EDITAL Nº 008/2013 VESTIBULAR 2013/2 ENGENHARIA MECÂNICA - UCEFF FACULDADES

EDITAL Nº 008/2013 VESTIBULAR 2013/2 ENGENHARIA MECÂNICA - UCEFF FACULDADES EDITAL Nº 008/2013 VESTIBULAR 2013/2 ENGENHARIA MECÂNICA - UCEFF FACULDADES 1. ABERTURA A Faculdade de Empresarial de Chapecó mantida pela Unidade Central de Educação FAEM Faculdade Ltda UCEFF Faculdades,

Leia mais

Direitos Humanos - Ensino Fundamental e Ensino Médio

Direitos Humanos - Ensino Fundamental e Ensino Médio Direitos Humanos - Ensino Fundamental e Ensino Médio Um projeto para discutir Direitos Humanos necessariamente tem que desafiar à criatividade, a reflexão, a crítica, pesquisando, discutindo e analisando

Leia mais

EXPANSÃO EUROPÉIA E CONQUISTA DA AMÉRICA

EXPANSÃO EUROPÉIA E CONQUISTA DA AMÉRICA EXPANSÃO EUROPÉIA E CONQUISTA DA AMÉRICA EXPANSÃO EUROPEIA E CONQUISTA DA AMÉRICA Nos séculos XV e XVI, Portugal e Espanha tomaram a dianteira marítima e comercial europeia, figurando entre as grandes

Leia mais

MEU TIO MATOU UM CARA

MEU TIO MATOU UM CARA MEU TIO MATOU UM CARA M eu tio matou um cara. Pelo menos foi isso que ele disse. Eu estava assistindo televisão, um programa idiota em que umas garotas muito gostosas ficavam dançando. O interfone tocou.

Leia mais

AS TRÊS EXPERIÊNCIAS

AS TRÊS EXPERIÊNCIAS Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: Colégio PARA QUEM CURSA O 8 Ọ ANO EM 2014 Disciplina: PoRTUGUÊs Prova: desafio nota: Texto para as questões de 1 a 7. AS TRÊS EXPERIÊNCIAS Há três coisas para

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 2016-1º SEMESTRE Nº 008/2015

PROCESSO SELETIVO 2016-1º SEMESTRE Nº 008/2015 PROCESSO SELETIVO 2016-1º SEMESTRE Nº 008/2015 O Diretor da NOVA FACULDADE, Pablo Fernandes Bittencourt, faz saber aos interessados que estão abertas as inscrições para o Processo Seletivo do 1º Semestre

Leia mais

2º Processo Seletivo para o 2º semestre de 2015 EDITAL

2º Processo Seletivo para o 2º semestre de 2015 EDITAL 2º Processo Seletivo para o 2º semestre de 2015 EDITAL A Direção-Geral da Faculdade Salesiana Maria Auxiliadora faz saber, através do presente Edital, que estarão abertas, no período de 22/06/15 a 17/07/2015,

Leia mais

Qual o Sentido do Natal?

Qual o Sentido do Natal? Qual o Sentido do Natal? Por Sulamita Ricardo Personagens: José- Maria- Rei1- Rei2- Rei3- Pastor 1- Pastor 2- Pastor 3-1ª Cena Uma música de natal toca Os personagens entram. Primeiro entram José e Maria

Leia mais

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE ALÉM PARAÍBA Credenciada pelo Decreto Federal nº 78709, de 10/11/1976, DOU DE 11/11/1976

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE ALÉM PARAÍBA Credenciada pelo Decreto Federal nº 78709, de 10/11/1976, DOU DE 11/11/1976 FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE ALÉM PARAÍBA Credenciada pelo Decreto Federal nº 78709, de 10/11/1976, DOU DE 11/11/1976 EDITAL 2011 PROCESSO SELETIVO ISECC 2011 2º SEMESTRE 2 O Presidente da Fundação Educacional

Leia mais

Informações e instruções para os candidatos

Informações e instruções para os candidatos A preencher pelo candidato: Nome: N.º de inscrição: Documento de identificação: N.º: Local de realização da prova: A preencher pelo avaliador: Classificação final: Ass: Informações e instruções para os

Leia mais

O dentista que virou dono de restaurante chinês 1

O dentista que virou dono de restaurante chinês 1 O dentista que virou dono de restaurante chinês 1 O cirurgião dentista Robinson Shiba, proprietário da rede China In Box, em 1992 deixava de exercer sua profissão como dentista para inaugurar a primeira

Leia mais

EDITAL Nº 012/2014 VESTIBULAR AGENDADO 2015/1- UCEFF FACULDADES

EDITAL Nº 012/2014 VESTIBULAR AGENDADO 2015/1- UCEFF FACULDADES EDITAL Nº 012/2014 VESTIBULAR AGENDADO 2015/1- UCEFF FACULDADES 1. ABERTURA A Faculdade de Empresarial de Chapecó mantida pela Unidade Central de Educação FAEM Faculdade Ldta UCEFF Faculdades, de acordo

Leia mais

Questões Estruturais do Currículo

Questões Estruturais do Currículo Questões Estruturais do Currículo Embora as questões abaixo sejam divididas em três níveis gerais de ensino, muitas delas podem ser usadas em praticamente qualquer série. Questões Estruturais do Currículo

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO VESTIBULAR/2015

CONCURSO PÚBLICO VESTIBULAR/2015 ESCOLA DE GOVERNO PROFESSOR PAULO NEVES DE CARVALHO FUNDAÇÃO JOÃO PINHEIRO Governo de Minas Gerais CONCURSO PÚBLICO VESTIBULAR/2015 2ª ETAPA Provas abertas: Matemática, História e Redação em Língua Portuguesa.

Leia mais

CURSO História. Só abra este caderno quando o fiscal autorizar. Leia atentamente as instruções abaixo.

CURSO História. Só abra este caderno quando o fiscal autorizar. Leia atentamente as instruções abaixo. PROCESSO SELETIVO 2004/1 HISTÓRIA CURSO História Só abra este caderno quando o fiscal autorizar. Leia atentamente as instruções abaixo. 1. 2. 3. 4. Este caderno de prova contém dez questões, que deverão

Leia mais

R.: R.: R.: R.: R.: R.: R.:

R.: R.: R.: R.: R.: R.: R.: PROFESSOR: EQUIPE DE HISTÓRIA BANCO DE QUESTÕES - HISTÓRIA - 6º ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ============================================================================================== 01- Como o relevo

Leia mais

Direitos Humanos II D I R E I T O S E C O N Ô M I C O S, S O C I A I S, C U L T U R A I S E A M B I E N T A I S. Escola de Governo 22/09/2015

Direitos Humanos II D I R E I T O S E C O N Ô M I C O S, S O C I A I S, C U L T U R A I S E A M B I E N T A I S. Escola de Governo 22/09/2015 Direitos Humanos II D I R E I T O S E C O N Ô M I C O S, S O C I A I S, C U L T U R A I S E A M B I E N T A I S Escola de Governo 22/09/2015 Gerações dos Direitos Humanos 1ª Dimensão Direitos Civis e Políticos

Leia mais

017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997.

017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997. 017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997. Acordei hoje como sempre, antes do despertador tocar, já era rotina. Ao levantar pude sentir o peso de meu corpo, parecia uma pedra. Fui andando devagar até o banheiro.

Leia mais

TIMOR LESTE. O PESO DA ORAÇÃO DOS JUSTOS! Tema. Peso e balança justos pertencem ao Senhor Provérbios 16:11a Versículo Chave

TIMOR LESTE. O PESO DA ORAÇÃO DOS JUSTOS! Tema. Peso e balança justos pertencem ao Senhor Provérbios 16:11a Versículo Chave 70 TIMOR LESTE O PESO DA ORAÇÃO DOS JUSTOS! Tema Peso e balança justos pertencem ao Senhor Provérbios 16:11a Versículo Chave PÁIS ALVO No Timor Leste as pessoas são muito acolhedoras, sempre com um sorriso,

Leia mais

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES:

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES: Atividades gerais: Verbos irregulares no - ver na página 33 as conjugações dos verbos e completar os quadros com os verbos - fazer o exercício 1 Entrega via e-mail: quarta-feira 8 de julho Verbos irregulares

Leia mais

NÍVEL FUNDAMENTAL COMPLETO

NÍVEL FUNDAMENTAL COMPLETO PREFEITURA MUNICIPAL DE NOVO REPARTIMENTO CONCURSO PÚBLICO PROVA OBJETIVA: 09 de fevereiro de 2014 NÍVEL FUNDAMENTAL COMPLETO AGENTE FISCAL, CONTÍNUO, ELETRICISTA DE PRÉDIOS E DE REDE DE DISTRIBUIÇÃO,

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 49 Discurso no encontro com grupo

Leia mais

Cursinho Pré-Vestibular Vitoriano - Ibilce/Unesp E.E.P.S.G. Deputado Bady Bassit. Edital de Abertura. Processo Seletivo de alunos 2015

Cursinho Pré-Vestibular Vitoriano - Ibilce/Unesp E.E.P.S.G. Deputado Bady Bassit. Edital de Abertura. Processo Seletivo de alunos 2015 Cursinho Pré-Vestibular Vitoriano - Ibilce/Unesp E.E.P.S.G. Deputado Bady Bassit Edital de Abertura Processo Seletivo de alunos 2015 A coordenação 2014/2015 do Cursinho Vitoriano, projeto de extensão da

Leia mais

Processo Seletivo 2016-1 Vestibular de Acesso aos Cursos ENGEMHARIA CADERNO: 2 LEIA COM ATENÇÃO AS INSTRUÇÕES AGENDA

Processo Seletivo 2016-1 Vestibular de Acesso aos Cursos ENGEMHARIA CADERNO: 2 LEIA COM ATENÇÃO AS INSTRUÇÕES AGENDA ENGEMHARIA Processo Seletivo 2016-1 Vestibular de Acesso aos Cursos LEIA COM ATENÇÃO AS INSTRUÇÕES CADERNO: 2 AGENDA 1 - A duração da prova é de 3 (três) horas, já incluído o tempo de preenchimento do

Leia mais

Processo Seletivo 2016-1 Vestibular de Acesso aos Cursos ENGENHARIA CADERNO: 1 LEIA COM ATENÇÃO AS INSTRUÇÕES AGENDA

Processo Seletivo 2016-1 Vestibular de Acesso aos Cursos ENGENHARIA CADERNO: 1 LEIA COM ATENÇÃO AS INSTRUÇÕES AGENDA ENGENHARIA Processo Seletivo 2016-1 Vestibular de Acesso aos Cursos LEIA COM ATENÇÃO AS INSTRUÇÕES CADERNO: 1 AGENDA 1 - A duração da prova é de 3 (três) horas, já incluído o tempo de preenchimento do

Leia mais

Jornalista: Eu queria que o senhor comentasse (incompreensível)?

Jornalista: Eu queria que o senhor comentasse (incompreensível)? Entrevista concedida pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, após cerimônia de apresentação dos resultados das ações governamentais para o setor sucroenergético no período 2003-2010 Ribeirão

Leia mais

Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BA) 70 minutos

Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BA) 70 minutos Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BA) 70 minutos Prova de certificação de nível de proficiência linguística no âmbito do Quadro de Referência para o Ensino Português no Estrangeiro,

Leia mais

CONHECIMENTOS BÁSICOS

CONHECIMENTOS BÁSICOS Esta prova tem 75 itens. Para cada item, você encontra na folha de respostas, três opções: C, E e SR. Marque C, caso julgue o item CERTO; e marque E, caso julgue o item ERRADO. Você deve marcar SR quando

Leia mais

A EVOLUÇÃO DA ESCRITA

A EVOLUÇÃO DA ESCRITA A EVOLUÇÃO DA ESCRITA Percebemos a partir da observação das imagens exibidas no vídeo A EVOLUÇÃO DA ESCRITA que o homem sempre buscou muitas formas de transmitir pensamentos. O texto é uma das formas mais

Leia mais

Lista de Exercícios:

Lista de Exercícios: PROFESSOR(A): Ero AVALIAÇÃO RECUPERAÇÃO DATA DA REALIZAÇÃO ROTEIRO DA AVALIAÇÃO 2ª ETAPA AVALIAÇÃO RECUPERAÇÃO DISCIPLINA: HISTÓRIA ANO: 6º CONTÉUDOS ABORDADOS Cap. 4: o mundo grego todos os temas Cap

Leia mais

Entrevista coletiva concedida pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, no hotel Skt. Petri

Entrevista coletiva concedida pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, no hotel Skt. Petri Entrevista coletiva concedida pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, no hotel Skt. Petri Copenhague-Dinamarca, 01 de outubro de 2009 Bem, primeiro dizer a vocês da alegria de poder estar

Leia mais

MANUAL VESTIBULAR SIMPLIFICADO 2015

MANUAL VESTIBULAR SIMPLIFICADO 2015 MANUAL VESTIBULAR SIMPLIFICADO 2015 AEDS Autarquia Educacional de Salgueiro Fone: (87) 3871 6040 FACHUSC Faculdade de Ciência Humanas do Sertão Central Rua Antônio Filgueira Sampaio, 134 - Salgueiro -

Leia mais

MANUAL DO JOVEM DEPUTADO

MANUAL DO JOVEM DEPUTADO MANUAL DO JOVEM DEPUTADO Edição 2014-2015 Este manual procura expor, de forma simplificada, as regras do programa Parlamento dos Jovens que estão detalhadas no Regimento. Se tiveres dúvidas ou quiseres

Leia mais

BEM-VINDO AO IZABELA HENDRIX

BEM-VINDO AO IZABELA HENDRIX BEM-VINDO AO IZABELA HENDRIX ESTAR NA VANGUARDA É ESTAR À FRENTE. É APONTAR OS CAMINHOS E SER REFERÊNCIA. O Izabela Hendrix representa a vanguarda na educação, com ações pioneiras que começaram há mais

Leia mais

GRUPO DE EDUCAÇÃO POPULAR (GEP)

GRUPO DE EDUCAÇÃO POPULAR (GEP) GRUPO DE EDUCAÇÃO POPULAR (GEP) Educar, Criar Poder Popular Julho, 2012 Apresentação Em 2012 o Grupo de Educação Popular (GEP) completa cinco anos. Um grupo que se uniu no início de 2008 pra resistir à

Leia mais

Pronunciamento à nação do Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, na cerimônia de posse Palácio do Planalto, 1º de janeiro de 2007

Pronunciamento à nação do Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, na cerimônia de posse Palácio do Planalto, 1º de janeiro de 2007 Pronunciamento à nação do Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, na cerimônia de posse Palácio do Planalto, 1º de janeiro de 2007 Meus queridos brasileiros e brasileiras, É com muita emoção

Leia mais

www.jyotimaflak.com Glücks- Akademie mit JyotiMa Flak Academia da felizidade com JyotiMa Flak

www.jyotimaflak.com Glücks- Akademie mit JyotiMa Flak Academia da felizidade com JyotiMa Flak www.jyotimaflak.com Glücks- Akademie mit JyotiMa Flak Academia da felizidade com JyotiMa Flak Entrevista com Ezequiel Quem é você? Meu nome é Ezequiel, sou natural do Rio de Janeiro, tenho 38 anos, fui

Leia mais

Senador Pedro Taques Discurso Manifestações

Senador Pedro Taques Discurso Manifestações Senador Pedro Taques Discurso Manifestações Senhor presidente, Senhoras senadoras, senhores senadores Amigos das redes sociais que também estão nas ruas Estamos em época de competição de futebol. Nosso

Leia mais

INDÍGENAS NO BRASIL SITUAÇÃO DOS INDÍGENAS NO BRASIL HOJE. Capítulo 5 DEMANDAS DOS POVOS E PERCEPÇÕES DA OPINIÃO PÚBLICA

INDÍGENAS NO BRASIL SITUAÇÃO DOS INDÍGENAS NO BRASIL HOJE. Capítulo 5 DEMANDAS DOS POVOS E PERCEPÇÕES DA OPINIÃO PÚBLICA Capítulo 5 SITUAÇÃO DOS INDÍGENAS NO BRASIL HOJE Percepção de diferenças entre índios e não índios no Brasil hoje Estimulada e única, em % Base: Total da amostra (402) NÃO S/ URBANOS POPULAÇÃO NACIONAL

Leia mais

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar MELHORES MOMENTOS Expressão de Louvor Acordar bem cedo e ver o dia a nascer e o mato, molhado, anunciando o cuidado. Sob o brilho intenso como espelho a reluzir. Desvendando o mais profundo abismo, minha

Leia mais

PROFª CLEIDIVAINE DA S. REZENDE Disc. Sociologia / 1ª Série

PROFª CLEIDIVAINE DA S. REZENDE Disc. Sociologia / 1ª Série PROFª CLEIDIVAINE DA S. REZENDE Disc. Sociologia / 1ª Série 1 - DEFINIÇÃO Direitos e deveres civis, sociais e políticos usufruir dos direitos e o cumprimento das obrigações constituem-se no exercício da

Leia mais

Enem. Dicas para você se dar bem na prova. A prova do ENEM está ai e você precisa de uma boa nota, certo? Verdade!

Enem. Dicas para você se dar bem na prova. A prova do ENEM está ai e você precisa de uma boa nota, certo? Verdade! Enem Dicas para você se dar bem na prova. A prova do ENEM está ai e você precisa de uma boa nota, certo? Verdade! Não tem mais para onde correr: O resto dos seus dias depende disso. Ou pelo menos é assim

Leia mais

4 o ano Ensino Fundamental Data: / / Revisão de História e Geografia Nome:

4 o ano Ensino Fundamental Data: / / Revisão de História e Geografia Nome: 4 o ano Ensino Fundamental Data: / / Revisão de História e Geografia Nome: Querida criança, Além desta revisão, estude, em seu Material Didático, os conteúdos do Volume III. Leia este texto: ASA BRANCA

Leia mais

PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2013/2 DIREITO

PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2013/2 DIREITO QUESTÃO 0 HISTÓRIA Leia atentamente o fragmento de texto abaixo: Atenas caminhava para a guerra civil, à medida que os pobres começavam a organizar-se e a exigir o perdão das dívidas e a redistribuição

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 21 DE ABRIL PALÁCIO DO PLANALTO BRASÍLIA-DF

Leia mais

EDITAL Nº 011/2015 VESTIBULAR DE VERÃO 2016/1 - CURSO DE DESIGN UCEFF FACULDADES

EDITAL Nº 011/2015 VESTIBULAR DE VERÃO 2016/1 - CURSO DE DESIGN UCEFF FACULDADES EDITAL Nº 011/2015 VESTIBULAR DE VERÃO 2016/1 - CURSO DE DESIGN UCEFF FACULDADES 1. ABERTURA A Faculdade de Empresarial de Chapecó mantida pela Unidade Central de Educação FAEM Faculdade Ltda UCEFF Faculdades,

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL AUGUSTO AIRES DA MATA MACHADO. MATÉRIA: LÍNGUA PORTUGUESA. PROF.: MARCÉLIA ALVES RANULFO ASSUNTO: PRODUÇÃO DE TEXTO.

ESCOLA ESTADUAL AUGUSTO AIRES DA MATA MACHADO. MATÉRIA: LÍNGUA PORTUGUESA. PROF.: MARCÉLIA ALVES RANULFO ASSUNTO: PRODUÇÃO DE TEXTO. PROF.: MARCÉLIA ALVES RANULFO ALUNO: Victor Maykon Oliveira Silva TURMA: 6º ANO A ÁGUA A água é muito importante para nossa vida. Não devemos desperdiçar. Se você soubesse como ela é boa! Mata a sede de

Leia mais

Online Visa Aplication - Canadá

Online Visa Aplication - Canadá Online Visa Aplication - Canadá Este formulário é uma versão em português das principais informações necessárias para a Solicitação Online de Visto para o Canadá. Essas informações são as disponíveis,

Leia mais

TRE / RJ - AGENTE DE SEGURANÇA JUDICIÁRIA NOVEMBRO DE 1995 2º GRAU

TRE / RJ - AGENTE DE SEGURANÇA JUDICIÁRIA NOVEMBRO DE 1995 2º GRAU TRE / RJ - AGENTE DE SEGURANÇA JUDICIÁRIA NOVEMBRO DE 1995 2º GRAU Texto HISTÓRIA DO RIO DE JANEIRO (Fragmento) Stanislaw Ponte Preta A coisa começou no século XVI, pouco depois que Pedro Álvares Cabral,

Leia mais

1º Processo Seletivo para o 1º semestre de 2016. Edital

1º Processo Seletivo para o 1º semestre de 2016. Edital 1º Processo Seletivo para o 1º semestre de 2016 Edital A Direção Geral da Faculdade Salesiana Maria Auxiliadora faz saber, através do presente Edital, que estarão abertas, no período de 17/09 a 13/11/2015,

Leia mais

LEMA: EU VIM PARA SERVIR (Mc 10,45) TEMA: FRATERNIDADE: IGREJA E SOCIEDADE

LEMA: EU VIM PARA SERVIR (Mc 10,45) TEMA: FRATERNIDADE: IGREJA E SOCIEDADE LEMA: EU VIM PARA SERVIR (Mc 10,45) TEMA: FRATERNIDADE: IGREJA E SOCIEDADE Introdução A CF deste ano convida-nos a nos abrirmos para irmos ao encontro dos outros. A conversão a que somos chamados implica

Leia mais

Copie as questões abaixo uma a uma e vá respondendo.(deixe espaço para separar as questões)

Copie as questões abaixo uma a uma e vá respondendo.(deixe espaço para separar as questões) Senhores Pais e/ou Responsáveis, Estamos encaminhando as tarefas para realização durante o recesso da Copa, para que seu filho não perca a continuidade do desenvolvimento, tendo em vista que logo teremos

Leia mais

Um crente bêbado é melhor que o sóbrio desviado Pr. Harry Tenório. Pelo teu nome por sua vida eu não farei uma coisas dessas! 2 Sm 11.

Um crente bêbado é melhor que o sóbrio desviado Pr. Harry Tenório. Pelo teu nome por sua vida eu não farei uma coisas dessas! 2 Sm 11. Um crente bêbado é melhor que o sóbrio desviado Pr. Harry Tenório Pelo teu nome por sua vida eu não farei uma coisas dessas! 2 Sm 11.11 Introdução Negar princípios parece ser uma coisa comum em nossos

Leia mais

Você conhece a Faculdade Sagrada Família? Quais os cursos que a FASF irá ofertar?

Você conhece a Faculdade Sagrada Família? Quais os cursos que a FASF irá ofertar? 1 Você conhece a Faculdade Sagrada Família? A FASF iniciou as suas atividades no ano de 2011, após ter passado por todos os processos burocráticos exigidos pelo Ministério da Educação para sua abertura

Leia mais

30/09/2008. Entrevista do Presidente da República

30/09/2008. Entrevista do Presidente da República Entrevista coletiva concedida pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, em conjunto com o presidente da Venezuela, Hugo Chávez, com perguntas respondidas pelo presidente Lula Manaus-AM,

Leia mais

Fim. Começo. Para nós, o tempo começou a ter um novo sentido.

Fim. Começo. Para nós, o tempo começou a ter um novo sentido. Fim. Começo. Para nós, o tempo começou a ter um novo sentido. Assim que ela entrou, eu era qual um menino, tão alegre. bilhete, eu não estaria aqui. Demorei a vida toda para encontrá-lo. Se não fosse o

Leia mais

27/11/2009. Entrevista do Presidente da República

27/11/2009. Entrevista do Presidente da República Entrevista exclusiva concedida por escrito pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, para o jornal Metro, edição São Paulo e edição ABC Publicada em 27 de novembro de 2009 Jornalista: Muitos

Leia mais

2ª SEMANA NACIONAL DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA MARÇO

2ª SEMANA NACIONAL DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA MARÇO Design & Saúde Financeira para maiores de 50 anos Vera Damazio Laboratório Design Memória Emoção :) labmemo (: O que Design tem a ver com Saúde Financeira para maiores de 50 anos? E o que faz um Laboratório

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGOS EFETIVOS DA PREFEITURA MUNICÍPIO DE TAIOBEIRAS/MG - EDITAL 1/2014 -

CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGOS EFETIVOS DA PREFEITURA MUNICÍPIO DE TAIOBEIRAS/MG - EDITAL 1/2014 - CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGOS EFETIVOS DA PREFEITURA MUNICÍPIO DE TAIOBEIRAS/MG - EDITAL 1/2014 - ESTE CADERNO DE PROVAS DESTINA-SE AOS CANDIDATOS AOS SEGUINTES CARGOS: Auxiliar de Mecânico

Leia mais

VERIFICAÇÃO GLOBAL 4 HISTÓRIA 2ª ETAPA 7 a SÉRIE OLÍMPICA ENSINO FUNDAMENTAL

VERIFICAÇÃO GLOBAL 4 HISTÓRIA 2ª ETAPA 7 a SÉRIE OLÍMPICA ENSINO FUNDAMENTAL 1. Analise os quesitos a seguir e assinale, nos itens I e II, a única opção correta: (1,0 ponto) I. Observe a tirinha do Hagar e o texto de Alberto Caeiro: Da minha aldeia vejo quanto da terra se pode

Leia mais

Análise do Edital AFRFB 2014

Análise do Edital AFRFB 2014 Análise do Edital AFRFB 2014 Olá amigos concurseiros, Hoje (dia 10/03/2014) saiu o edital para o concurso de AUDITOR FISCAL DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL (AFRFB). Serão 278 vagas. Entretanto, já sabemos

Leia mais

CADERNO DE PROVAS OBJETIVA E REDAÇÃO

CADERNO DE PROVAS OBJETIVA E REDAÇÃO CADERNO DE PROVAS OBJETIVA E REDAÇÃO CURSO: COMUNICAÇÃO SOCIAL - JORNALISMO LEIA COM ATENÇÃO AS INSTRUÇÕES ABAIXO: 1. Esta prova contém Redação e 20(vinte) questões objetivas. Caso o caderno esteja incompleto

Leia mais

AULA 4 O MESSIAS: SATISFAÇÃO DEFINITIVA, ADORAÇÃO VERDADEIRA E EVANGELIZAÇÃO SEM FRONTEIRAS TEMA: A PRIORIDADE DA EVANGELIZAÇÃO TEXTO: JOÃO 4.

AULA 4 O MESSIAS: SATISFAÇÃO DEFINITIVA, ADORAÇÃO VERDADEIRA E EVANGELIZAÇÃO SEM FRONTEIRAS TEMA: A PRIORIDADE DA EVANGELIZAÇÃO TEXTO: JOÃO 4. AULA 4 O MESSIAS: SATISFAÇÃO DEFINITIVA, ADORAÇÃO VERDADEIRA E EVANGELIZAÇÃO SEM FRONTEIRAS TEMA: A PRIORIDADE DA EVANGELIZAÇÃO TEXTO: JOÃO 4.1-42 INTRODUÇÃO A narrativa da Mulher Samaritana se desenvolve

Leia mais

SERIE: APRENDENDO COM OS BICHINHOS A FORMIGUINHA

SERIE: APRENDENDO COM OS BICHINHOS A FORMIGUINHA Radicais Kids - Sábado 13/12 Ministério Boa Semente Igreja em células SERIE: APRENDENDO COM OS BICHINHOS A FORMIGUINHA Lição: Xô Preguiça!! Base bíblica: Provérbios 6:6-11 Preguiçoso, aprenda uma lição

Leia mais

PROJETO PROFISSÕES. Entrevista com DJ

PROJETO PROFISSÕES. Entrevista com DJ Entrevista com DJ Meu nome é Raul Aguilera, minha profissão é disc-jóquei, ou DJ, como é mais conhecida. Quando comecei a tocar, em festinhas da escola e em casa, essas festas eram chamadas de "brincadeiras

Leia mais

Ciências Humanas. História e Geografia Professor: Renato Pellizzari e Claudio Hansen 08/10/2014. Material de apoio para Aula ao Vivo

Ciências Humanas. História e Geografia Professor: Renato Pellizzari e Claudio Hansen 08/10/2014. Material de apoio para Aula ao Vivo Ciências Humanas Material de apoio para Aula ao Vivo 1. A charge expressa enfaticamente uma característica do processo histórico de urbanização da sociedade brasileira. A crítica contida na charge refere-se

Leia mais

O termo cidadania tem origem etimológica no latim civitas, que significa "cidade". Estabelece um estatuto de pertencimento de um indivíduo a uma

O termo cidadania tem origem etimológica no latim civitas, que significa cidade. Estabelece um estatuto de pertencimento de um indivíduo a uma Bruno Oliveira O termo cidadania tem origem etimológica no latim civitas, que significa "cidade". Estabelece um estatuto de pertencimento de um indivíduo a uma comunidade politicamente articulada um país

Leia mais

Tovadorismo. 2 - (UFPA - 2010) Das estrofes abaixo, a que apresenta traços da estética do Trovadorismo é:

Tovadorismo. 2 - (UFPA - 2010) Das estrofes abaixo, a que apresenta traços da estética do Trovadorismo é: Tovadorismo 1 - (PUC-Camp - 2011) A poesia medieval procurou enaltecer os valores e as virtures do cavaleiro. Nessa poesia, o amor cortês, referido no texto, pressupunha uma concepção mítica do amor, que

Leia mais

Prova Escrita de História

Prova Escrita de História PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Decreto-Lei nº 139/2012, de 5 de julho Prova Escrita de História 9.ºAno de Escolaridade Prova 19 / 1ª Fase 8 Páginas Duração da Prova: 90 minutos. 2014 Identifica, claramente,

Leia mais

JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE

JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE A Novena de Natal deste ano está unida à Campanha da Fraternidade de 2013. O tema Fraternidade e Juventude e o lema Eis-me aqui, envia-me, nos leva para o caminho da JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE Faça a

Leia mais

(Perry Anderson, Linhagens do Estado absolutista. p. 18 e 39. Adaptado)

(Perry Anderson, Linhagens do Estado absolutista. p. 18 e 39. Adaptado) 1. (Fgv 2014) O paradoxo aparente do absolutismo na Europa ocidental era que ele representava fundamentalmente um aparelho de proteção da propriedade dos privilégios aristocráticos, embora, ao mesmo tempo,

Leia mais

PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2010/2 DIREITO PROVA DISCURSIVA

PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2010/2 DIREITO PROVA DISCURSIVA ESCREVA AQUI SEU NÚMERO DE INSCRIÇÃO: PROVA DISCURSIVA - O presente caderno contém 0 (três) questões de História e 0 (três) questões de Geografia, dentre as quais você deverá escolher DUAS de cada disciplina

Leia mais

SÉCULO XIX NOVOS ARES NOVAS IDEIAS Aula: 43 e 44 Pág. 8 PROFª: CLEIDIVAINE 8º ANO

SÉCULO XIX NOVOS ARES NOVAS IDEIAS Aula: 43 e 44 Pág. 8 PROFª: CLEIDIVAINE 8º ANO SÉCULO XIX NOVOS ARES NOVAS IDEIAS Aula: 43 e 44 Pág. 8 PROFª: CLEIDIVAINE 8º ANO 1 - INTRODUÇÃO Séc. XIX consolidação da burguesia: ascensão do proletariado urbano (classe operária) avanço do liberalismo.

Leia mais

DEDICATÓRIA. Dedico esta obra a todos os leitores de Uma. Incrível História Euro-Americana no período em

DEDICATÓRIA. Dedico esta obra a todos os leitores de Uma. Incrível História Euro-Americana no período em DEDICATÓRIA Dedico esta obra a todos os leitores de Uma Incrível História Euro-Americana no período em que esta foi postada no blog Dexaketo, tornando-a o folhetim mais lido na história do blog até meados

Leia mais

HISTÓRIA DO DIREITO DO TRABALHO NO MUNDO OCIDENTAL

HISTÓRIA DO DIREITO DO TRABALHO NO MUNDO OCIDENTAL HISTÓRIA DO DIREITO DO TRABALHO NO MUNDO OCIDENTAL CÊGA, Anderson Associação Cultural e Educacional de Garça ACEG - Garça andersoncega@yahoo.com.br TAVARES, Guilherme Associação Cultural e Educacional

Leia mais

Estímulo Experimental: Texto para filmagem dos discursos políticos (Brasil Thad Dunning)

Estímulo Experimental: Texto para filmagem dos discursos políticos (Brasil Thad Dunning) Estímulo Experimental: Texto para filmagem dos discursos políticos (Brasil Thad Dunning) DISCURSOS 1, 2, 3 e 4 sem mensagem de raça ou classe (o texto do discurso é para ser lido duas vezes por cada ator,

Leia mais

IBTA Instituto Brasileiro de Tecnologia Avançada Conectado em você.

IBTA Instituto Brasileiro de Tecnologia Avançada Conectado em você. Manual do Candidato Graduação 3º Trimestre de 2014 IBTA Instituto Brasileiro de Tecnologia Avançada Conectado em você. IBTA Instituto Brasileiro de Tecnologia Avançada foi fundado em 2001, com o objetivo

Leia mais

PROVA DE SELEÇÃO LÍNGUA PORTUGUESA SÉRIE: 8 ANO. Candidato (a):

PROVA DE SELEÇÃO LÍNGUA PORTUGUESA SÉRIE: 8 ANO. Candidato (a): PROVA DE SELEÇÃO LÍNGUA PORTUGUESA SÉRIE: 8 ANO Data: 12/01/2015 Candidato (a): Valor: 10 Obtido: Analise o cartaz da propaganda. QUESTÃO 1 (1 PONTO) - Observe o texto principal da propaganda. Que estratégia

Leia mais

LC 19_1-10 OS ENCONTROS DE JESUS ZAQUEU O HOMEM QUE QUERIA VER JESUS

LC 19_1-10 OS ENCONTROS DE JESUS ZAQUEU O HOMEM QUE QUERIA VER JESUS 1 LC 19_1-10 OS ENCONTROS DE JESUS ZAQUEU O HOMEM QUE QUERIA VER JESUS Lc 19 1 Jesus entrou em Jericó e estava atravessando a cidade. 2 Morava ali um homem rico, chamado Zaqueu, que era chefe dos cobradores

Leia mais