Introdução à cosmetologia. Prof. Msc. Mayara Peron Pereira

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Introdução à cosmetologia. Prof. Msc. Mayara Peron Pereira"

Transcrição

1 Introdução à cosmetologia Prof. Msc. Mayara Peron Pereira

2 Cosmetologia Conceitos e definições Ciência que serve de suporte à fabricação de produtos voltados à arte do cuidado e melhoria das condições estéticas da pela sã. (VIGLIOGLIA, 1991).

3 Cosméticos Um cosmético é um produto, exceto sabão, pretendido a ser aplicado ao corpo para limpar, embelezar ou altera a sua aparência. Apenas higienizam, perfumam e embelezam a pele superficialmente; Não tem nenhuma ação terapêutica biológica profunda; Não tratam e nem regeneram em profundidade.

4 Cosmecêutico Cosmético que contêm ingredientes que são bioativas, exercendo efeitos sobre as pessoas. Estes são cosméticos com propriedades terapêuticas, de combate a doença ou curativas Seguem rigor técnico-científico de formulação e produção; Possuem ação terapêutica biológica profunda; Tratam e regeneram em profundidade.

5 Cosmiatria Ciência médica que estuda, previne e trata a beleza humana em todos os seus aspectos e concepções. Formulações baseadas em pesquisas técnico-científicas; Exercem excepcional e profunda ação terapêutica; Utilizam veículos apropriados para cada formulação, de forma que os princípios ativos façam permeação transdérmica até o interior da derme/epiderme.

6

7 ANVISA Agência Nacional de Vigilância Sanitária Missão: Proteger e promover a saúde da população garantindo a segurança sanitária de produtos e serviçõs e participando da construção de sua acesso.

8 Definição de cosméticos Produtos de Higiene Pessoal, Cosméticos e Perfumes, são preparações constituídas por substâncias naturais ou sintéticas, de uso externo nas diversas partes do corpo humano, pele, sistema capilar, unhas, lábios, órgãos genitais externos, dentes e membranas mucosas da cavidade oral, com o objetivo exclusivo ou principal de limpá-los, perfuma-los, alterar sua aparência e ou corrigir odores corporais e ou protegê-los ou mantê-los em bom estado. (RDC 211/2005 Anexo 1).

9 Classificação dos cosméticos Categorias: Produtos de Higiene Pessoal Perfumes Cosméticos Produtos Infantis

10 Classificação dos cosméticos Classifica os produtos cosméticos, de higiene e limpeza e perfumes quanto ao grau de risco. Grau 1: Produtos com risco mínimo de produzir efeitos adversos. Grau 2: Produtos com risco potencial de produzir efeitos adversos. RDC 211/2005

11 Grau de risco Classificados em função da probabilidade de ocorrência de efeitos não desejados devido ao uso inadequado do produto, sua formulação, finalidade de uso, áreas do corpo a que se destinam e cuidados a ser observados.

12 Conceitos e definições GRAU 1 PRODUTO DE RISCO MÍNIMO

13 Produtos grau de risco 1 Ex.: Colônia/perfumes, sabonetes, desodorantes, talco, xampu, condicionador, creme hidratante para o rosto/corpo*, produtos para barbear*, pasta de dente sem flúor, enxaguatório bucal aromatizante, esmalte e maquiagem*, fixadores de cabelos, e etc. * sem fotoproteção, sem ação anti-séptica RDC 211/2005

14 Conceitos e definições GRAU 2 - PRODUTO COM RISCO POTENCIAL

15 Produtos grau de risco 2 Ex.: Protetor solar, tintura capilar, alisante capilar, repelente de inseto, antitranspirante, maquiagens com ação fotoprotetora, sabonete anto-séptico, clareador de pele, produtos infatins, produtos para pele acnéica, esfoliante químico, produtos para área dos olhos, xampus e condicionadores anticaspa e/ou antiqueda, depilatórios químico, produtos indicados para pele sensível, dentifrícos (anticárie, antitártaro), enxaguatório bucal (antiséptico, antiplaca), produtos íntimos, etc. RDC 211/2005

16 Comprovação de segurança Os produtos cosméticos devem ser seguros nas condições normais de uso; Os testes de segurança de cosméticos têm por objetivo verificar a ausência de: Irritação; Sensibilidade Fototoxidade Fotoalergia

17 Classificação dos cosméticos Finalidade: Limpar/higienizar Perfumar Alterar a aparência/maquiar/enfeitar Corrigir odores corporais Proteger/manter bom estado/conservar/proteger

18 Finalidade dos cosméticos Limpar/Higienizar: Remover da superfície cutânea as impurezas provenientes das secreções, dos resíduos celulares e do ambiente, melhorando seu aspecto e facilitando suas funções. Ex.: Xampus, sabonetes..

19 Finalidade dos cosméticos Perfumar: Impregnar de arma agradável, de perfume.

20 Finalidade dos cosméticos Alterar a aparência/maquiar/enfeitar: Realçar a beleza da pele e mucosa labial para aplicação de diversos produtos coloridos. Além dessa função, podem corrigir ou disfarçar imperfeições. Ex.: Batons, blushes.

21 Finalidade dos cosméticos Corrigir odores naturais:

22 Finalidade dos cosméticos Proteger/manter em bom estado/conservar/proteger Manter a pele em bom estado, protegendo-a e conservando as características que definem o estado de equilíbrio perfeito de todas as suas funções. Ex.: protetor solar, hidratante.

23 Classificação dos cosméticos Quanto à forma cosmética: Pós Soluções (aquosa, alcoólica, hidroalcoólica) Emulsões ( cremes, loções, gel-creme) Géis (hidrofílicos e lipofílicos) Bastões e sticks Máscaras faciais

24 Classificação dos cosméticos Quanto à forma cosmética: Pós

25 Classificação dos cosméticos Quanto à forma cosmética: Soluções (aquosa, alcoólica, hidroalcoólica)

26 Classificação dos cosméticos Quanto à forma cosmética: Emulsões ( cremes, loções, gel-creme)

27 Classificação dos cosméticos Quanto à forma cosmética: Géis (hidrofílicos)

28 Classificação dos cosméticos Quanto à forma cosmética: Bastões e sticks

29 Classificação dos cosméticos Quanto à forma cosmética: Máscaras faciais

30 Classificação dos cosméticos Quanto à função: Conservadores ou higiênicos Decorativos Corretivos ou dermatológicos

31 Classificação dos cosméticos Quanto à área de aplicação/uso local de aplicação: Pele Sistema capilar Lábios Mucosa da cavidade oral Dentes Unhas Órgãos genitais externos

32 Classificação dos cosméticos Quanto a sua ação: Hidratante Emoliente Umectante Nutritivos

33 Classificação dos cosméticos Quanto a sua ação: Hidratante: Higroscópicos intracelulares, reposição de água da pele

34 Classificação dos cosméticos Quanto a sua ação: Umectante: Propriedades higroscópicas, capazes de absorver água do ambiente, molhando a superfície da pele.

35 Classificação dos cosméticos Quanto a sua ação: Emoliente: Evitar ou atenuar o ressecamento da pele

REGULAMENTO TÉCNICO MERCOSUL CLASSIFICAÇÃO DE PRODUTOS DE HIGIENE PESSONAL, COSMÉTICOS E PERFUMES

REGULAMENTO TÉCNICO MERCOSUL CLASSIFICAÇÃO DE PRODUTOS DE HIGIENE PESSONAL, COSMÉTICOS E PERFUMES MERCOSUL/GMC/RES. Nº 07/05 REGULAMENTO TÉCNICO MERCOSUL CLASSIFICAÇÃO DE PRODUTOS DE HIGIENE PESSONAL, COSMÉTICOS E PERFUMES TENDO EM VISTA: O Tratado de Assunção, o Protocolo de Ouro Preto e as Resoluções

Leia mais

Tabela 1. Correlação do Sistema Novo com Sistema Antigo para Grupos de Produtos Notificados. COMUNICADO

Tabela 1. Correlação do Sistema Novo com Sistema Antigo para Grupos de Produtos Notificados. COMUNICADO COMUNICADO A Gerência Geral de Cosméticos GGCOS disponibiliza os grupos de produtos constantes no novo sistema e as respectivas correlações com os grupos de produtos anteriormente utilizados. Tabela 1.

Leia mais

RESOLUÇÃO RDC Nº 7, DE 10 DE FEVEREIRO DE 2015

RESOLUÇÃO RDC Nº 7, DE 10 DE FEVEREIRO DE 2015 RESOLUÇÃO RDC Nº 7, DE 10 DE FEVEREIRO DE 2015 Dispõe sobre os requisitos técnicos para a regularização de produtos de higiene pessoal, cosméticos e perfumes e dá outras providências. A Diretoria Colegiada

Leia mais

Regulamentação e Implantação da Cosmetovigilância no Brasil

Regulamentação e Implantação da Cosmetovigilância no Brasil Ministério da Saúde Gerência-Geral de Cosméticos Regulamentação e Implantação da Cosmetovigilância no Brasil Brasília, 27 de julho de 2006 Tassiana Fronza Gerência Geral de Cosméticos MISSÃO DA ANVISA

Leia mais

RESOLUÇÃO DA DIRETORIA COLEGIADA Nº 7, DE 10 DE FEVEREIRO DE 2015

RESOLUÇÃO DA DIRETORIA COLEGIADA Nº 7, DE 10 DE FEVEREIRO DE 2015 CONTEÚDO RDC 7/2015... 02 CAP. I DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS... 02 CAP. II OUTRAS OBRIGATORIEDADES SOBRE ROTULAGEM... 05 CAP. III DOS PROCEDIMENTOS PARA REGULARIZAÇÃO... 05 CAP. IV DAS DISPOSIÇÕES FINAIS

Leia mais

Anvisa - Legislação - Resoluções

Anvisa - Legislação - Resoluções Page 1 of 7 Legislação Para verificar a atualização desta norma, como revogações ou alterações, acesse o Visalegis. Resolução nº 335, de 22 de julho de 1999 A Diretoria Colegiada da Agência Nacional de

Leia mais

Ministério da Saúde Agência Nacional de Vigilância Sanitária RESOLUÇÃO DA DIRETORIA COLEGIADA RDC Nº 04, DE 30 DE JANEIRO DE 2014

Ministério da Saúde Agência Nacional de Vigilância Sanitária RESOLUÇÃO DA DIRETORIA COLEGIADA RDC Nº 04, DE 30 DE JANEIRO DE 2014 ADVERTÊNCIA Este texto não substitui o publicado no Diário Oficial da União Ministério da Saúde Agência Nacional de Vigilância Sanitária RESOLUÇÃO DA DIRETORIA COLEGIADA RDC Nº 04, DE 30 DE JANEIRO DE

Leia mais

RDC Nº 4, de 30 de Janeiro de 2014. Dra Maria Inês Harris mariaines@harris.com.br

RDC Nº 4, de 30 de Janeiro de 2014. Dra Maria Inês Harris mariaines@harris.com.br RDC Nº 4, de 30 de Janeiro de 2014 Dra Maria Inês Harris mariaines@harris.com.br Disposições Gerais Dispõe sobre os REQUISITOS TÉCNICOS para a REGULARIZAÇÃO de produtos de HPPC. Objetivos da RDC 4/2014

Leia mais

RESOLUÇÃO - RDC Nº 4, DE 30 JANEIRO DE 2014

RESOLUÇÃO - RDC Nº 4, DE 30 JANEIRO DE 2014 RESOLUÇÃO - RDC Nº 4, DE 30 JANEIRO DE 2014 Dispõe sobre os requisitos técnicos para a regularização de produtos de higiene pessoal, cosméticos e perfumes e dá outras providências. A Diretoria Colegiada

Leia mais

Ministério da Saúde Agência Nacional de Vigilância Sanitária

Ministério da Saúde Agência Nacional de Vigilância Sanitária ADVERTÊNCIA Este texto não substitui o publicado no Diário Oficial da União Ministério da Saúde Agência Nacional de Vigilância Sanitária RESOLUÇÃO DA DIRETORIA COLEGIADA - RDC Nº 07, DE 10 DE FEVEREIRO

Leia mais

RESOLUÇÃO DA DIRETORIA COLEGIADA - RDC Nº 211, DE 14 DE JULHO DE 2005.

RESOLUÇÃO DA DIRETORIA COLEGIADA - RDC Nº 211, DE 14 DE JULHO DE 2005. RESOLUÇÃO DA DIRETORIA COLEGIADA - RDC Nº 211, DE 14 DE JULHO DE 2005. O Diretor-Presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Anvisa, no uso da atribuição que lhe confere o inciso IV do artigo

Leia mais

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS Seção I Objetivo

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS Seção I Objetivo RESOLUÇÃO DA DIRETORIA COLEGIADA - RDC Nº 7, 10 DE FEVEREIRO DE 2015 Dispõe sobre os requisitos técnicos para a regularização de produtos de higiene pessoal, cosméticos e perfumes e dá outras providências.

Leia mais

Ministério da Saúde Gabinete do Ministro PORTARIA Nº 1.185, DE 15 DE JUNHO DE 2004

Ministério da Saúde Gabinete do Ministro PORTARIA Nº 1.185, DE 15 DE JUNHO DE 2004 Diário Oficial Imprensa Nacional N.º 115n Ministério da Saúde Gabinete do Ministro PORTARIA Nº 1.185, DE

Leia mais

COMO REGULARIZAR PERFUMES, COSMÉTICOS E PRODUTOS DE HIGIENE PESSOAL NO BRASIL

COMO REGULARIZAR PERFUMES, COSMÉTICOS E PRODUTOS DE HIGIENE PESSOAL NO BRASIL 1 Associação dos Distribuidores e Importadores de Perfumes, Cosméticos e Similares Rua Tabapuã, 649 Cj 74 São Paulo SP - CEP 04533-012 - Brasil Tel/Fax: (0XX)11-3168-4518 adipec@adipec.com.br http://www.adipec.com.br

Leia mais

adota, "ad referendum", a seguinte Resolução de Diretoria Colegiada e determina a sua publicação:

adota, ad referendum, a seguinte Resolução de Diretoria Colegiada e determina a sua publicação: RESOLUÇÃO - RDC Nº 211, DE 14 DE JULHO DE 2005. Estabelece a Definição e a Classificação de Produtos de Higiene Pessoal, Cosméticos e Perfumes, conforme Anexo I e II desta Resolução e dá outras definições.

Leia mais

Anvisa - Agência Nacional de Vigilância Sanitária

Anvisa - Agência Nacional de Vigilância Sanitária Anvisa - Agência Nacional de Vigilância Sanitária Cosméticos Infantis O Brasil é um dos maiores mercados mundiais de cosméticos infantis. A utilização de produtos de higiene pessoal, como xampus, condicionadores

Leia mais

REGISTRO DE PRODUTOS COSMÉTICOS

REGISTRO DE PRODUTOS COSMÉTICOS Gerência-Geral de Cosméticos REGISTRO DE PRODUTOS COSMÉTICOS Juliana Araujo Costa Curitiba, junho de 2013 1 PRODUTOS COSMÉTICOS Maquiagens Esmaltes Dentifrícios e enxaguatórios Produtos para barba Cremes

Leia mais

RESOLUÇÃO RDC Nº 07, DE 10 DE FEVEREIRO DE 2015 DOU DE 11/02/2015

RESOLUÇÃO RDC Nº 07, DE 10 DE FEVEREIRO DE 2015 DOU DE 11/02/2015 RESOLUÇÃO RDC Nº 07, DE 10 DE FEVEREIRO DE 2015 DOU DE 11/02/2015 Dispõe sobre os requisitos técnicos para a regularização de produtos de higiene pessoal, cosméticos e perfumes e dá outras providências.

Leia mais

SIMPLIFICAÇÃO NA REGULARIZAÇÃO DE PRODUTOS HPPC

SIMPLIFICAÇÃO NA REGULARIZAÇÃO DE PRODUTOS HPPC FONTE: ABIHPEC SIMPLIFICAÇÃO NA REGULARIZAÇÃO DE PRODUTOS HPPC FOI PUBLICADO NESTA QUARTA-FEIRA (11 DE FEVEREIRO) EM DOU A RESOLUÇÃO RDC N 7 DE 10 DE FEVEREIRO DE 2015 (ANEXA) QUE DISPÕE SOBRE OS REQUISITOS

Leia mais

REGISTRO DE PRODUTOS COSMÉTICOS

REGISTRO DE PRODUTOS COSMÉTICOS Gerência-Geral de Cosméticos REGISTRO DE PRODUTOS COSMÉTICOS Christiane da Silva Coelho São Paulo, junho de 2013 1 PRODUTOS COSMÉTICOS Maquiagens Esmaltes Dentifrícios e enxaguatórios Produtos para barba

Leia mais

Requisitos Técnicos para Regularização de Produtos de Higiene Pessoal, Cosméticos e Perfumes

Requisitos Técnicos para Regularização de Produtos de Higiene Pessoal, Cosméticos e Perfumes Gerência Geral de Cosméticos Requisitos Técnicos para Regularização de Produtos de Higiene Pessoal, Cosméticos e Perfumes 1 DEFINIÇÃO DE COSMÉTICOS RDC 211/2005 Anexo 1 REFERÊNCIAS LEGAIS 6 Outras legislações

Leia mais

Unidade Universitária: C.C.B.S. Centro de Ciências e Biológicas e da Saúde

Unidade Universitária: C.C.B.S. Centro de Ciências e Biológicas e da Saúde Unidade Universitária: C.C.B.S. Centro de Ciências e Biológicas e da Saúde Curso: Farmácia Disciplina: Tecnologia de Cosméticos Código da Disciplina: 061.1815.1 Professores: Anderson F. Carniel Carga horária:

Leia mais

Avaliação da qualidade das informações obtidas na internet relacionadas à segurança de uso de cosméticos.

Avaliação da qualidade das informações obtidas na internet relacionadas à segurança de uso de cosméticos. Avaliação da qualidade das informações obtidas na internet relacionadas à segurança de cosméticos. Ariane Pinheiro Cruz 1, Aline Claudia de Mello 2, Hellen Karine Stulzer 3,Talize Foppa 4, Marcos Antônio

Leia mais

A. F. Isenmann Princípios Químicos em Produtos Cosméticos e Sanitários Conteúdo

A. F. Isenmann Princípios Químicos em Produtos Cosméticos e Sanitários Conteúdo A. F. Isenmann Princípios Químicos em Produtos Cosméticos e Sanitários Conteúdo 1 Objetivos deste livro no âmbito dos cursos técnicos de química, farmácia e áreas afins... 4 2 Aspecto econômico da indústria

Leia mais

AVALIAÇÃO DA UTILIZAÇÃO DE COSMÉTICOS NOS UNIVERSITÁRIOS DO CESUMAR ATRAVÉS DA APLICAÇÃO DE UM QUESTIONÁRIO DIRECIONADO

AVALIAÇÃO DA UTILIZAÇÃO DE COSMÉTICOS NOS UNIVERSITÁRIOS DO CESUMAR ATRAVÉS DA APLICAÇÃO DE UM QUESTIONÁRIO DIRECIONADO ISBN 978-85-61091-05-7 Encontro Internacional de Produção Científica Cesumar 27 a 30 de outubro de 2009 AVALIAÇÃO DA UTILIZAÇÃO DE COSMÉTICOS NOS UNIVERSITÁRIOS DO CESUMAR ATRAVÉS DA APLICAÇÃO DE UM QUESTIONÁRIO

Leia mais

3/15. Npublicou nova resolução de sua diretoria colegiada, a. cosméticos é publicada pela ANVISA, Resolução RDC 7/2015

3/15. Npublicou nova resolução de sua diretoria colegiada, a. cosméticos é publicada pela ANVISA, Resolução RDC 7/2015 Nova norma envolvendo o registro de cosméticos é publicada pela ANVISA, Resolução RDC 7/2015 Por Livia Honorio de Figueiredo livia.figueredo@kasznarleonardos.com 3/15 nº 6 o Diário Oficial da União de

Leia mais

COSMETOVIGILÂNCIA NO BRASIL

COSMETOVIGILÂNCIA NO BRASIL Ministério da Saúde Gerência-Geral de Cosméticos COSMETOVIGILÂNCIA NO BRASIL Juliana Araujo Costa Curitiba, junho de 2013 COSMETOVIGILÂNCIA É a atividade que consiste em observar e analisar os eventuais

Leia mais

Seja Bem Vindo! Curso Automaquiagem. Carga horária: 45hs

Seja Bem Vindo! Curso Automaquiagem. Carga horária: 45hs Seja Bem Vindo! Curso Automaquiagem Carga horária: 45hs Conteúdo: Introdução História da Maquiagem Como Limpar a Pele Pincéis para a Maquiagem Preparação da Pele Primer Base Corretivo Pó Facial Blush Olhos

Leia mais

cosméticos à base de produtos naturais ESTUDOS DE MERCADO SEBRAE/ESPM 2008 Sumário

cosméticos à base de produtos naturais ESTUDOS DE MERCADO SEBRAE/ESPM 2008 Sumário cosméticos à base de produtos naturais ESTUDOS DE MERCADO SEBRAE/ESPM 2008 Sumário Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas Sebrae, 2008 Adelmir Santana Presidente do Conselho Deliberativo

Leia mais

A HISTÓRIA DO SABONETE

A HISTÓRIA DO SABONETE SABONETES por: Colunista Portal Educação SABONETE BARRA DE OLIVA UMA PRODUÇÃO DE PRECIOSIDADES DO POMAR. CONFIRA NA LOJA www.luciamotta.loja2.com.br Os sabonetes são cosméticos detergentes Na antiguidade,

Leia mais

Agência Nacional de Vigilância Sanitária

Agência Nacional de Vigilância Sanitária Ministério da Saúde Gerência Geral de Cosméticos AVANÇOS NO CONTROLE SANITÁRIO DE COSMÉTICOS Brasília, 9 de dezembro embro de 2011 Josineire Melo Costa Sallum Gerente Geral de Cosméticos REGULARIZAÇÃO

Leia mais

NOME DA EMPRESA AUTORIZAÇÃO NOME DO PRODUTO E MARCA COR E/OU TONALIDADE NUMERO DE PROCESSO NUMERO DE REGISTRO LOCAL DE FABRICAÇÃO VENCIMENTO

NOME DA EMPRESA AUTORIZAÇÃO NOME DO PRODUTO E MARCA COR E/OU TONALIDADE NUMERO DE PROCESSO NUMERO DE REGISTRO LOCAL DE FABRICAÇÃO VENCIMENTO ANEXO NOME DA EMPRESA AUTORIZAÇÃO NOME DO PRODUTO E MARCA COR E/OU TONALIDADE NUMERO DE PROCESSO NUMERO DE REGISTRO LOCAL DE FABRICAÇÃO VENCIMENTO DESTINAÇÃO PRAZO DE VALIDADE DO PRODUTO GRUPO DO PRODUTO

Leia mais

PROCESSO SELETIVO Nº 025/2015 HUAPA

PROCESSO SELETIVO Nº 025/2015 HUAPA PROCESSO SELETIVO Nº 025/2015 HUAPA O Instituto de Gestão e Humanização IGH, torna público para conhecimento dos interessados, que fará realizar Processo Seletivo objetivando o credenciamento de empresa

Leia mais

Nº 84, quarta-feira, 6 de maio de 2015 1 ISSN 1677-7042 35

Nº 84, quarta-feira, 6 de maio de 2015 1 ISSN 1677-7042 35 Nº 84, quarta-feira, 6 de maio de 2015 1 ISSN 1677-7042 35 d) Não ingerir. 1. e) Não usar caso os lábios apresentem rachaduras, escamações ou ferimentos. 7.Protetor labial sem FPS A partir de 3 anos Avaliação

Leia mais

RESOLUÇÃO RDC Nº 7, DE 10 DE FEVEREIRO DE 2015

RESOLUÇÃO RDC Nº 7, DE 10 DE FEVEREIRO DE 2015 PREMIUM BEAUTY MEDIA 1 boulevard Beaumarchais, 75004 Paris, France contact@premiumbeautynews.com contact@brazilbeautynews.com RESOLUÇÃO RDC Nº 7, DE 10 DE FEVEREIRO DE 2015 Dispõe sobre os requisitos técnicos

Leia mais

Absorvente (diversos tamanhos, quantidades e características) 0 0 0 1 0 0 0 0 Cosméticos e Higiene

Absorvente (diversos tamanhos, quantidades e características) 0 0 0 1 0 0 0 0 Cosméticos e Higiene Greenwashing 2014 Market Analysis Observação: o registro de vários produtos iguais listados corresponde ao mesmo produto de diferentes marcas. Categoria Produto Irrelevância Mentira FalsosRótulos Incerteza

Leia mais

Boletim de Estatísticas de Comércio Exterior do Setor de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos

Boletim de Estatísticas de Comércio Exterior do Setor de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos 1 Departamento de Comércio Exterior 19 de outubro de 2015 Boletim de Estatísticas de Comércio Exterior do Setor de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos BECE ABIHPEC 008/2015 2 ÍNDICE Notas explicativas...03

Leia mais

Miriam Machado Cunico e Cristina Peitz de Lima

Miriam Machado Cunico e Cristina Peitz de Lima Medicamentos - Benefícios e Riscos com Ênfase na Automedicação 23 Os cosméticos e os riscos da vaidade precoce Miriam Machado Cunico e Cristina Peitz de Lima A obsessão por um corpo perfeito, decorrente

Leia mais

Exigência da Vigilância Sanitária para SALÃO DE BELEZA BELEZA COM SEGURANÇA. Sandra Regina Bruno Fiorentini Consultora Jurídica SEBRAE-SP

Exigência da Vigilância Sanitária para SALÃO DE BELEZA BELEZA COM SEGURANÇA. Sandra Regina Bruno Fiorentini Consultora Jurídica SEBRAE-SP Exigência da Vigilância Sanitária para SALÃO DE BELEZA BELEZA COM SEGURANÇA Sandra Regina Bruno Fiorentini Consultora Jurídica SEBRAE-SP Lei No. 8.080/90 Instituiu o Sistema Único de Saúde - SUS; Lei No.

Leia mais

Substituição Tributária. São Paulo

Substituição Tributária. São Paulo Substituição Tributária São Paulo São Paulo Visão Geral O Estado de São Paulo vem costurando com diversos Estados celebração de protocolos de ST, onde: MVA s: os mesmos que SP MVA ajustado Conceito de

Leia mais

ROTULAGEM DE PRODUTOS COSMÉTICOS

ROTULAGEM DE PRODUTOS COSMÉTICOS Gerência Geral de Cosméticos ROTULAGEM DE PRODUTOS COSMÉTICOS NORMAS DE ROTULAGEM REFERÊNCIAS LEGAIS DECRETO 79.094/77 (Art. 4º e 93-111) DECRETO 83.239/79 (Altera os Art. 17, 93, 94 e 96 do Decreto 79.094/77)

Leia mais

Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Orientações para Elaboração de Dossiê de Produto Cosmético Gerência Geral de Cosméticos

Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Orientações para Elaboração de Dossiê de Produto Cosmético Gerência Geral de Cosméticos Agência Nacional de Vigilância Sanitária Orientações para Elaboração de Dossiê de Produto Cosmético Gerência Geral de Cosméticos Brasília, abril de 2008 Agência Nacional de Vigilância Sanitária Diretor-Presidente

Leia mais

Cosmecêuticos Abordagem Regulatória. Hotel Blue Tree Towers Nações Unidas Nov / 2006

Cosmecêuticos Abordagem Regulatória. Hotel Blue Tree Towers Nações Unidas Nov / 2006 Cosmecêuticos Abordagem Regulatória Hotel Blue Tree Towers Nações Unidas Nov / 2006 TOP TEN 2005 HIGIENE PESSOAL, PERFUMARIA E COSMÉTICOS Fonte: Euromunitor % 2005 US$ MM (*) Cresc. Particip. 1 Estados

Leia mais

Boletim de Estatísticas de Comércio Exterior do Setor de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos

Boletim de Estatísticas de Comércio Exterior do Setor de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos 1 Departamento de Comércio Exterior 18 de novembro de 2015 Boletim de Estatísticas de Comércio Exterior do Setor de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos BECE ABIHPEC 009/2015 2 ÍNDICE Notas explicativas...03

Leia mais

FORMAS COSMÉTICAS FORMAS COSMÉTICAS SOLUÇÕES SOLUÇÕES SOLUÇÕES CLASSIFICAÇÃO QUANTO À FORMA COSMÉTICA

FORMAS COSMÉTICAS FORMAS COSMÉTICAS SOLUÇÕES SOLUÇÕES SOLUÇÕES CLASSIFICAÇÃO QUANTO À FORMA COSMÉTICA FORMAS COSMÉTICAS FORMAS COSMÉTICAS Os produtos cosméticos contêm grande diversidade de matérias-primas, que podem ser naturais, semisintéticas ou sintéticas. Esses materiais apresentam-se em consistências

Leia mais

REQUISITOS TECNICOS PARA REGISTRAR PRODUTOS DE HPPC NA ANVISA

REQUISITOS TECNICOS PARA REGISTRAR PRODUTOS DE HPPC NA ANVISA REQUISITOS TECNICOS PARA REGISTRAR PRODUTOS DE HPPC NA ANVISA FIPASE / ABC / INGTEC RIBEIRÃO PRETO 14 DE JUNHO 2012 Angel Lizárraga Diretor Executivo Aumentar a Auto-Estima Sin Maquillaje x Con Maquillaje

Leia mais

Boletim de Estatísticas de Comércio Exterior do Setor de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos

Boletim de Estatísticas de Comércio Exterior do Setor de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos 1 Departamento de Comércio Exterior 20 de julho de 2015 Boletim de Estatísticas de Comércio Exterior do Setor de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos BECE ABIHPEC 005/2015 2 ÍNDICE Notas explicativas...03

Leia mais

Boletim de Estatísticas de Comércio Exterior do Setor de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos

Boletim de Estatísticas de Comércio Exterior do Setor de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos 1 Departamento de Comércio Exterior 17 de agosto de 2015 Boletim de Estatísticas de Comércio Exterior do Setor de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos BECE ABIHPEC 006/2015 2 ÍNDICE Notas explicativas...03

Leia mais

Cosméticos com. Argila Branca. Manganês: ação específica na formação do colágeno. Anti-infeccioso, cicatrizante, antialérgico.

Cosméticos com. Argila Branca. Manganês: ação específica na formação do colágeno. Anti-infeccioso, cicatrizante, antialérgico. Cosméticos com Argila Branca Utilizando como base de seus produtos a argila branca, a Clay Beleza da Terra preocupa-se com o bem estar de sua pele e inova em sua nova linha de cosméticos, trazendo para

Leia mais

Resolução nº 577 de 25 de julho de 2013

Resolução nº 577 de 25 de julho de 2013 Resolução nº 577 de 25 de julho de 2013 Ementa: Dispõe sobre a direção técnica ou responsabilidade técnica de empresas ou estabelecimentos que dispensam, comercializam, fornecem e distribuem produtos farmacêuticos,

Leia mais

História da cosmetologia

História da cosmetologia Túnel do tempo História da cosmetologia Se hoje é difícil, imagine como as mulheres penavam antigamente para se manter bonitas. Vamos conhecer a história da cosmetologia. Profa Ms Elizabeth Carloto Falbota

Leia mais

Linha VYMANA Cosméticos naturais para Corpo, Cabelos e Rosto.

Linha VYMANA Cosméticos naturais para Corpo, Cabelos e Rosto. Linha VYMANA Cosméticos naturais para Corpo, Cabelos e Rosto. Cosméticos naturais feitos com extratos da Amazônia potencializados com a Turmalina! Condicionador de Açai e Acerola Equilibrante Bifásico

Leia mais

TECNOLOGIA DE Sabões e detergentes. Conteúdos a serem abordados: --Tensão superficial -- Polaridade -- Forças intermoleculares

TECNOLOGIA DE Sabões e detergentes. Conteúdos a serem abordados: --Tensão superficial -- Polaridade -- Forças intermoleculares TECNOLOGIA DE Sabões e detergentes Conteúdos a serem abordados: --Tensão superficial -- Polaridade -- Forças intermoleculares Tensão superficial Força existente na superfície de líquidos em repouso. Fortes

Leia mais

TRANSCUTOL CG. Informações Técnicas. INCI NAME: Ethoxydiglycol CAS NUMBER: 111-90-0 SIMILAR: Trivalin SF

TRANSCUTOL CG. Informações Técnicas. INCI NAME: Ethoxydiglycol CAS NUMBER: 111-90-0 SIMILAR: Trivalin SF Informações Técnicas TRANSCUTOL CG INCI NAME: Ethoxydiglycol CAS NUMBER: 111-90-0 SIMILAR: Trivalin SF INTRODUÇÃO Desde os anos setenta, TRANSCUTOL CG é utilizado na indústria farmacêutica devido sua poderosa

Leia mais

CONHEÇA A LINHA MED PROTECTION E SURPREENDA-SE COM O MELHOR CUSTO/BENEFÍCIO DO MERCADO.

CONHEÇA A LINHA MED PROTECTION E SURPREENDA-SE COM O MELHOR CUSTO/BENEFÍCIO DO MERCADO. Produtos MED PROTECTION CONHEÇA A LINHA MED PROTECTION E SURPREENDA-SE COM O MELHOR CUSTO/BENEFÍCIO DO MERCADO. Profissionais que lidam diariamente com substâncias nocivas à pele estão sujeitos a doenças

Leia mais

Semissólidos ERIKA LIZ

Semissólidos ERIKA LIZ Semissólidos ERIKA LIZ Ação As preparações são aplicadas à pele por seus efeitos físicos, ou seja, sua capacidade de agir como protetores, lubrificantes, emolientes, secantes, ou devido ao efeito específico

Leia mais

Gerência Geral de Cosméticos CÂMARA SETORIAL

Gerência Geral de Cosméticos CÂMARA SETORIAL Ministério da Saúde Gerência Geral de Cosméticos CÂMARA SETORIAL 29/3/2006 Josineire Melo Costa Sallum Gerente-Geral de Cosméticos A Gerência-Geral de Cosméticos na Instituição A Gerência-Geral de Cosméticos

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE DO PARANÁ - SESA SUPERINTENDÊNCIA DE VIGILÂNCIA. Nota Técnica nº 08/13 DVVSA/CEVS/SESA 29 de agosto 2013.

SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE DO PARANÁ - SESA SUPERINTENDÊNCIA DE VIGILÂNCIA. Nota Técnica nº 08/13 DVVSA/CEVS/SESA 29 de agosto 2013. SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE DO PARANÁ - SESA SUPERINTENDÊNCIA DE VIGILÂNCIA Nota Técnica nº 08/13 DVVSA/CEVS/SESA 29 de agosto 2013. BOAS PRÁTICAS PARA COMÉRCIO AMBULANTE DE ALIMENTOS A Secretaria do

Leia mais

Falando sobre o 10/6/2010

Falando sobre o 10/6/2010 Falando sobre o C 1 Cosméticos: Tudo que muda a aparência 2 Skin Care Conhecimentos básicosb 3 O que é Skin Care? É uma categoria formada por produtos, de alta tecnologia, destinados ao tratamento da pele;

Leia mais

CONHECENDO MELHOR A FARMÁCIA E SEUS PRODUTOS

CONHECENDO MELHOR A FARMÁCIA E SEUS PRODUTOS CONHECENDO MELHOR A FARMÁCIA E SEUS PRODUTOS No Brasil, a venda de medicamentos é feita em estabelecimentos devidamente registrados em órgãos específicos que visam a monitorar a venda correta desses produtos,

Leia mais

Produtos de Higiene Pessoal Masculina - Brasil - Setembro 2014. COMPRE ESTE Relatório agora

Produtos de Higiene Pessoal Masculina - Brasil - Setembro 2014. COMPRE ESTE Relatório agora O homem brasileiro aprendeu a conciliar um estilo de vida agitado com a rotina de compra de produtos de cuidado pessoal. A pressão da vida moderna não o impede de comprar estes produtos, muito pelo contrário.

Leia mais

Acnezil Loção adstringente. Acnezil LINHAHPC. Gel de limpeza. Acnezil. Acnezil Catálogo Aquarela 1º Semestre 2014. Loção. Loção. Cx.

Acnezil Loção adstringente. Acnezil LINHAHPC. Gel de limpeza. Acnezil. Acnezil Catálogo Aquarela 1º Semestre 2014. Loção. Loção. Cx. Loção adstringente LINHA Eficiente no combate à oleosidade Evita o acúmulo de resíduos nos poros Sua fórmula foi especialmente desenvolvida para complementar a limpeza diária, removendo impurezas e maquiagem.

Leia mais

AGÊNCIA NACIONAL DE VIGILÂNCIA SANITÁRIA

AGÊNCIA NACIONAL DE VIGILÂNCIA SANITÁRIA AGÊNCIA NACIONAL DE VIGILÂNCIA SANITÁRIA Boas Práticas de Fabricação de Cosméticos, Produtos de Higiene e Saneantes COORDENAÇÃO DE INSUMOS FARMACÊUTICOS, SANEANTES E COSMÉTICOS GERÊNCIA GERAL DE INSPEÇÃO

Leia mais

Catálogo de Produtos. Revendedor Oficial Benttley Organic

Catálogo de Produtos. Revendedor Oficial Benttley Organic Catálogo de Produtos Essência do Mundo Organic Care, Natural Life. Revendedor Oficial Benttley Organic Essência do Mundo A Essência do Mundo é uma empresa familiar, que decidiu trazer até Portugal produtos

Leia mais

ÍNDICE - 11/06/2006 Zero Hora (RS)...2 Geral...2 vacina Correio Braziliense...3 Revista do Correio...3

ÍNDICE - 11/06/2006 Zero Hora (RS)...2 Geral...2 vacina Correio Braziliense...3 Revista do Correio...3 ÍNDICE - 11/06/2006 Zero Hora (RS)...2 Geral...2 Brasil pode ter vacina anti-hpv este ano...2 Correio Braziliense...3 Revista do Correio...3 Por um sorriso perfeito...3 Decifrando os rótulos...3 Zero Hora

Leia mais

O IMPACTO DA COSMETOVIGILÂNCIA

O IMPACTO DA COSMETOVIGILÂNCIA O IMPACTO DA GARANTIR QUALIDADE, SEGURANÇA E EFICÁCIA DOS PRODUTOS DE HIGIENE PESSOAL, COSMÉTICOS E PERFUMES JUNTO AO CONSUMIDOR. OBJETIVO DA CRITÉRIOS DE SEGURANÇA NECESSÁRIOS AOS PRODUTOS COSMÉTICOS

Leia mais

Produtos Naturais SHINSEI, o melhor para Você em sua Essência

Produtos Naturais SHINSEI, o melhor para Você em sua Essência Produtos Naturais SHINSEI, o melhor para Você Essência A EMPRESA A Phytos Essence traz para você a tecnologia e a qualidade dos produtos SHINSEI para o bem estar e cuidado diário do corpo. Com estrutura

Leia mais

Ecologie agora é Bril Cosméticos

Ecologie agora é Bril Cosméticos Ecologie agora é Bril Cosméticos Diversidade de produtos será reforçada na Beauty Fair Nasce uma nova empresa de cosméticos no mercado brasileiro. A Bril Cosméticos surgiu a partir da aquisição da Ecologie,

Leia mais

DENSENVOLVIMENTO DE UM SABONETE LIQUIDO INTIMO.

DENSENVOLVIMENTO DE UM SABONETE LIQUIDO INTIMO. UNIVERSIDADE DO EXTREMO SUL CATARINENSE - UNESC CURSO DE FARMÁCIA NICOLÁS BRUNO PASTAFIGLIA DENSENVOLVIMENTO DE UM SABONETE LIQUIDO INTIMO. CRICIÚMA, JUNHO DE 2011. NICOLÁS BRUNO PASTAFIGLIA DENSENVOLVIMENTO

Leia mais

DESCUBRA O PODER DO ALOÉ

DESCUBRA O PODER DO ALOÉ DESCUBRA O PODER DO ALOÉ O que é a Coleção de Aloé Vera? A Coleção de Aloé Vera consiste em produtos de alta qualidade com fórmulas delicadas, criada com base em aloé certificado, que dá um amplo cuidado

Leia mais

Prática Nutrição Externa

Prática Nutrição Externa Prática Nutrição Externa Demonstração prática de uso dos produtos de nutrição externa e seus efeitos imediatos. Como a pele é o maior órgão do corpo os produtos são recomendados tanto para homens quanto

Leia mais

Artigo RESUMO ABSTRACT. Priscila da Nobrega Rito. Rosaura de Farias Presgrave Eloisa Nunes Alves Maria Helena Simões Villas Bôas

Artigo RESUMO ABSTRACT. Priscila da Nobrega Rito. Rosaura de Farias Presgrave Eloisa Nunes Alves Maria Helena Simões Villas Bôas DOI:10.3395/vd.v2i3.199 Artigo Perfil dos desvios de rotulagem de produtos cosméticos analisados no Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde entre 2005 e 2009 Profile of deviations labeling

Leia mais

Propilenoglicol e potencial alergênico em cosméticos

Propilenoglicol e potencial alergênico em cosméticos Propilenoglicol e potencial alergênico em cosméticos Os cuidados com a aparência física e a busca incessante pelo ideal de beleza levam as pessoas a se submeterem aos mais variados tratamentos estéticos

Leia mais

Normas de Rotulagem Para Produtos Cosméticos

Normas de Rotulagem Para Produtos Cosméticos Ministério da Saúde Gerência-Geral de Cosméticos Normas de Rotulagem Para Produtos Cosméticos Érica França Costa DE OLHO NA ROTULAGEM Registro e Notificação de Produtos de Higiene Pessoal, Cosméticos e

Leia mais

COSMÉTICOS AÇÃO E REAÇÃO

COSMÉTICOS AÇÃO E REAÇÃO Revista Interfaces: Saúde, Humanas e Tecnologia. Ano 2, V. 2, Número Especial, jun, 2014. Faculdade Leão Sampaio Resumo Expandido ISSN 2317-434X COSMÉTICOS AÇÃO E REAÇÃO *Dryelle Feitosa Mota 1 - dryelle.rbd@hotmail.com;

Leia mais

Um corpo Hidratado e bem cuidado

Um corpo Hidratado e bem cuidado Um corpo Hidratado e bem cuidado Gel para o Corpo 2 em 1 Satin Body Benefícios e Propriedades Fórmula botânica que deixa a sua pele fresca, limpa e suave. Não deixa a pele oleosa. Tem a textura de uma

Leia mais

Cuide dos seus cabelos com Nativa SPA

Cuide dos seus cabelos com Nativa SPA Cuide dos seus cabelos com Nativa SPA 1 momento só seu SenSaçõeS deliciosas de um Nativa SPA identificou as necessidades para os cabelos e trouxe para a Frutoterapia produtos feitos a base de Monoï e Argan,

Leia mais

RICO EM vitaminas. Fios fortes, revitalizados, nutridos, brilhantes e hidratação intensa. diferença nos cabelos. Linha Pós Química BEAUTYPARIS

RICO EM vitaminas. Fios fortes, revitalizados, nutridos, brilhantes e hidratação intensa. diferença nos cabelos. Linha Pós Química BEAUTYPARIS Linha Pós Química BEAUTYPARIS RICO EM vitaminas que fazem a diferença nos cabelos Fios fortes, revitalizados, nutridos, brilhantes e hidratação intensa Proporciona sinergicamente aos cabelos maleabilidade

Leia mais

Especialidades Ano XII N 402 Ofertas válidas de 04/09/2015 a 27/09/2015 SETEMBRO 2015

Especialidades Ano XII N 402 Ofertas válidas de 04/09/2015 a 27/09/2015 SETEMBRO 2015 Especialidades Ano XII N 402 Ofertas válidas de 04/09/2015 a 27/09/2015 SETEMBRO 2015 02 03 Sentir-se bem sempre! Para manter a sua autoestima elevada você precisa muito mais do que ter boa aparência.

Leia mais

Natural&Orgânico. Beleza&Bem Estar. Cosméticos Naturais, Orgânicos e Aromaterapia

Natural&Orgânico. Beleza&Bem Estar. Cosméticos Naturais, Orgânicos e Aromaterapia Natural&Orgânico Equilíbrio Harmonia Beleza&Bem Estar Cosméticos Naturais, Orgânicos e Aromaterapia Bem vindos a Beleza Natural! Na Arte dos Aromas, a natureza é a nossa fonte de inspiração. Acreditamos

Leia mais

SUSPENSÕES E SOLUÇÕES

SUSPENSÕES E SOLUÇÕES SUSPENSÕES E SOLUÇÕES Definições SUSPENSÃO Mistura heterogênea de substâncias Ex.: sangue (suspensão de plasma e células) água e óleo; água e areia, água e açúcar SOLUÇÃO Mistura homogênea de substâncias

Leia mais

BIO EXTRATUS TRANSFORMAÇÃO TRATAMENTO DISCIPLINADOR

BIO EXTRATUS TRANSFORMAÇÃO TRATAMENTO DISCIPLINADOR BIO EXTRATUS TRANSFORMAÇÃO TRATAMENTO DISCIPLINADOR Limpeza profunda, redução de volume e proteção térmica. INDICAÇÃO Todos os tipos de cabelo. FUNÇÃO Diminuir o volume, eliminar o frizz, realinhar e alisar

Leia mais

DECRETO Nº 10.433, DE 29 DE NOVEMBRO DE 2000.

DECRETO Nº 10.433, DE 29 DE NOVEMBRO DE 2000. ATUALIZADO ATÉ O DEC. Nº. 10.596/01 DECRETO Nº 10.433, DE 29 DE NOVEMBRO DE 2000. Concede incentivo fiscal ao estabelecimento da empresa JOSÉ LEVY BRODER, CAGEP N.º 19.445.984-5. O GOVERNADOR DO ESTADO

Leia mais

HIGIENIZAÇÃO, LIMPEZA E PARAMENTAÇÃO

HIGIENIZAÇÃO, LIMPEZA E PARAMENTAÇÃO Bem Vindos! HIGIENIZAÇÃO, LIMPEZA E PARAMENTAÇÃO Quem sou? Farmacêutica Bioquímica e Homeopata. Especialista em Análises Clínicas, Micologia, Microbiologia e Homeopatia. 14 anos no varejo farmacêutico

Leia mais

Produtos para os cabelos. Prof. Msc. Mayara Peron

Produtos para os cabelos. Prof. Msc. Mayara Peron Prof. Msc. Mayara Peron Brasil é o 2º maior mercado mundial em produtos para cabelos (Franquilino, 2009). CABELO Divisão do cabelo; Composição do cabelo; Tipos de cabelos; Fases de crescimento do cabelo.

Leia mais

A indústria cosmética e a medicina contam com as mais diversas fórmulas para combater o envelhecimento e os sinais faciais presentes com a idade.

A indústria cosmética e a medicina contam com as mais diversas fórmulas para combater o envelhecimento e os sinais faciais presentes com a idade. A indústria cosmética e a medicina contam com as mais diversas fórmulas para combater o envelhecimento e os sinais faciais presentes com a idade. Cremes, loções, preenchimento, peelings, máscaras e lasers

Leia mais

Testes em cosméticos

Testes em cosméticos Testes em cosméticos Exigências para produtos cosméticos no mercado global Estudo de Caso Resumo O mercado de produtos cosméticos continua a se expandir, especialmente nas novas economias emergentes na

Leia mais

Aline das Chagas Diretora de Vendas Independente

Aline das Chagas Diretora de Vendas Independente Aline das Chagas Diretora de Vendas Independente Recentemente notamos no mercado um aumento na procura por produtos com propriedades luminosas. Uma pele radiante é um benefício cada vez mais desejado em

Leia mais

Dica: O visitador pode acompanhar a manipulação dos produtos, bem como sua aditivação com os ativos para melhor entendimento desta forma cosmética.

Dica: O visitador pode acompanhar a manipulação dos produtos, bem como sua aditivação com os ativos para melhor entendimento desta forma cosmética. Acne e Hidratação. Objetivo da Escolha do Tema A hidratação da pele é de fundamental importância para a manutenção dos mecanismos fisiológicos e bioquímicos da pele como os mecanismos celulares de proteção

Leia mais

Presente no mercado a mais de 8 anos a ETERNITY LISS PROFISSIONAL é uma empresa com a missão de superar as expectativas do mercado profissional.

Presente no mercado a mais de 8 anos a ETERNITY LISS PROFISSIONAL é uma empresa com a missão de superar as expectativas do mercado profissional. ETERNITY LISS PROFESSIONAL Presente no mercado a mais de 8 anos a ETERNITY LISS PROFISSIONAL é uma empresa com a missão de superar as expectativas do mercado profissional. Ao longo de sua trajetória vem

Leia mais

Assunto: Produção compartilhada entre medicamentos, produtos para saúde, produtos de higiene, cosméticos e alimentos

Assunto: Produção compartilhada entre medicamentos, produtos para saúde, produtos de higiene, cosméticos e alimentos NOTA TÉCNICA n 04-002/2015 GGINP/SUINP/ANVISA Brasília, 18 de março de 2014. Assunto: Produção compartilhada entre medicamentos, produtos para saúde, produtos de higiene, cosméticos e alimentos CONTEXTO

Leia mais

Serviço de Controle de Infecção Hospitalar Recomendações para higienização das mãos em serviços de saúde.

Serviço de Controle de Infecção Hospitalar Recomendações para higienização das mãos em serviços de saúde. Serviço de Controle de Infecção Hospitalar Recomendações para higienização das mãos em serviços de saúde. São quatro as formas de higienização das mãos nos serviços de saúde: 1.Higienização simples das

Leia mais

Os cosméticos e os riscos da vaidade precoce

Os cosméticos e os riscos da vaidade precoce Os cosméticos e os riscos da vaidade precoce 1 MIRIAM MACHADO CUNICO Química - Doutora em Ciências Farmacêuticas - UFPR CRISTINA PEITZ DE LIMA Farmacêutica - Mestre em Ciências Farmacêuticas - UFPR A obsessão

Leia mais

PRODUTOS CESAM HIDROLACT

PRODUTOS CESAM HIDROLACT CATÁLOGO CESAM PRODUTOS CESAM HIDROLACT TUDO O QUE A SUA PELE PRECISA EMOLIENTE 500ML HIDRATAÇÃO E PROTEÇÃO HIDROLACT EMOLIENTE 500 ML PELE SECA, SENSÍVEL, DESCAMATIVA E COM TENDÊNCIA À ATOPIA. EMULSÃO

Leia mais

Treinamento da Unidade Divina Vitória e das Unidades Descendentes

Treinamento da Unidade Divina Vitória e das Unidades Descendentes Treinamento da Unidade Divina Vitória e das Unidades Descendentes 800 Nossos Pilares Filosofia 1.Deus 2. Família 3. Trabalho Espírito de Ajuda Ajudar sem querer nada em troca Regra de Ouro Trate os outros

Leia mais

glow hair Prolonga o efeito da escova progressiva GANHE P R O G R E S S I V A Na compra de um KIT Glow Hair Manutenção 2 Edição 2/2015

glow hair Prolonga o efeito da escova progressiva GANHE P R O G R E S S I V A Na compra de um KIT Glow Hair Manutenção 2 Edição 2/2015 glow hair P Ó S P R O G R E S S I V A Prolonga o efeito da escova progressiva 082 Na compra de um KIT Glow Hair Manutenção GANHE UM ÓLEO DE ARGAN 10ml 2 Edição 2/2015 Hidratação Intensiva Devolve 100%

Leia mais

Guia Didático do Professor

Guia Didático do Professor Guia Didático do Professor Programa Aí tem Química! Cosméticos higiene e limpeza Cosméticos Química 2ª Série Ensino Médio CONTEÚDOS DIGITAIS MULTIMÍDIA Conteúdos Digitais Multimídia Guia Didático do Professor

Leia mais

Presentes Dia dos Pais + Ecologie Homem

Presentes Dia dos Pais + Ecologie Homem Página 1 de 5 Presentes Dia dos Pais + Ecologie Homem Ainda não sabe o que comprar para os Dias dos Pais, ainda dá tempo. Veja algumas dicas: Clique na imagem para ampliar 1. Calça Lojas Renner - R$89,90

Leia mais

Campanha de prevenção do cancro da pele

Campanha de prevenção do cancro da pele Campanha de prevenção do cancro da pele Use o protetor solar adequado. Proteja-se com chapéu e óculos de sol. Evite a exposição solar entre as 11:00 e as 17:00. www.cm-loures.pt facebook.com/municipiodeloures

Leia mais

Medicamento O que é? Para que serve?

Medicamento O que é? Para que serve? Medicamento O que é? Para que serve? Os Medicamentos são produtos farmacêuticos, tecnicamente obtidos ou elaborados, com finalidade profilática, curativa, paliativa ou para fins de diagnóstico (Lei nº

Leia mais