csociedade e lema Eu vim para servir (cf.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "csociedade e lema Eu vim para servir (cf."

Transcrição

1 BOLETIM INFORMATIVO Arquidiocese de Fortaleza Publicação do Secretariado de Pastoral - Ano 24 - março de nº 277 o m o t e m a F r a t e r n i d a d e : I g r e j a e csociedade e lema Eu vim para servir (cf. Mc 10, 45), a Campanha da Fraternidade (CF) 2015 busca recordar a vocação e missão de todo o cristão e das comunidades de fé, a partir do diálogo e colaboração entre Igreja e Sociedade, propostos pelo Concílio Ecumênico Vaticano II. O texto-base utilizado para auxiliar nas atividades da CF 2015 reflete sobre a dimensão da vida em sociedade que se baseia na convivência coletiva, com leis e normas de condutas, organizada por critérios e, principalmente, com entidades que cuidam do bemestar daqueles que convivem. (Do Editorial) Nesta Edição Editorial...02 Nomeações e Provisões...05 Jubileu Centenário da Arquidiocese...06 Regiões, Paróquia e Áreas Pastorais...15 Presbíteros...28 Pastorais...30 Comunicação...33 Agendas...37 Contribuição Paroquial...40

2 ³Editorial - fevereiro de 2015 "Eu vim para servir (cf. Mc 10, 45) o m a Q u a r e s m a Crealiza-se mais uma vez na Igreja no Brasil a Campanha da Fraternidade. O tempo especial do chamado à conversão pascal em Cristo p r e s t a - s e à p r o p o s t a d e renovação da vida humana pessoal e comunitária, o que leva aos horizontes de vida de toda a comunidade humana. C o m o t e m a Fraternidade: Igreja e Sociedade e lema Eu vim para servir (cf. Mc 10, 45), a Campanha da Fraternidade (CF) 2015 busca recordar a vocação e missão de todo o cristão e das comunidades de fé, a partir do diálogo e colaboração entre Igreja e Sociedade, propostos p e l o C o n c í l i o E c u m ê n i c o Vaticano II. O texto-base utilizado para auxiliar nas atividades da C F r e f l e t e s o b r e a dimensão da vida em sociedade que se baseia na convivência coletiva, com leis e normas de condutas, organizada por critérios e, principalmente, com entidades que cuidam do bemestar daqueles que convivem. P a r t i n d o d o m e s m o Evangelho proposto por Jesus, pelos seus ensinamentos e pelo p r ó p r i o e x e m p l o, s o m o s chamados à disposição de " s e r v i r ", e x p r e s s ã o d e fraternidade e solidariedade humana universal. Assim o tema tocará os relacionamentos interpessoais e da Igreja como comunidade instituida por Jesus Cristo para a missão do Reino de Deus a que se destina toda a humanidade. Por que servir? Está inscrito no próprio ser humano o ser com os outros, o ser para os outros. E de Deus mesmo, à imagem de quem o ser humano foi criado, toma e s t e s e r v o l t a d o p a r a a c o n v i v ê n c i a e a m ú t u a dedicação na realização da vida. E o próprio Deus se mostrar servidor em sua criação, tudo concorrendo para a vida de suas criaturas: Deus que cria e 2

3 providencia. Os seres da Natureza estão em estreita relação uns com os outros e servem uns aos outros na dinâmica da vida. Mesmo se se manifestam também desvios e ameaças à vida e ao bem comum - não podemos negar uma luta constante entre os seres - o que mais ainda se manifesta nos relacionamentos dos mais d e s e n v o l v i d o s, o s s e r e s humanos. Deus que tudo criou para a vida e não para a morte, não é indiferente à sorte de sua c r i a ç ã o e m o s t r a a s u a dedicação pelo bem de todos, e s p e c i a l m e n t e d o s s e r e s h u m a n o s n o M i s t é r i o d a Redenção do mundo pela Incarnação do Verbo Eterno, o Filho de Deus. Jesus, Deus feito homem entre os homens vem para manifestar a renovação da obra divina e se faz, em meio à h u m a n i d a d e f e r i d a p e l o egoísmo e dominação, servidor de todos para que todos tenham a vida e a tenham em abundância (Jo 10,10). Este serviço leva a dar a própria vida pelo bem comum universal da humanidade e por ela de toda a criação. O serviço, expressão concreta do Amor que tudo r e d i m e, f a z v e r d a d e i r a revolução nos relacionamentos humanos: do aproveitar-se para o servir, do utilizar-se para o ser útil ao bem do outro, do tirar a vida em próprio proveito ao dar a vida pelo proveito de todos. O Filho do Homem não veio para ser servido, mas para servir, e dar a vida pela salvação de muitos. (Mc 10, 45.) Assim se apresenta Jesus em sua relação com a humanidade, no objetivo de sua vida e missão. Esta sua obra de redenção realizada plenamente em doação de morte e ressurreição é t r a n s m i t i d a a t o d a a humanidade. Ele faz de sua Igreja os reunidos em seu nome o sinal e instrumento do seu serviço redentor. A Igreja em tempo de graça e salvação quer ir mais fundo em sua vida, renovada na graça do Senhor, sendo ela m e s m a a s e r v i d o r a d a humanidade. Em Quaresma e Campanha de Fraternidade coloca-se diante da conversão e missão na disposição de maior empenhor no seguimento do 3

4 Senhor para ser servidora da vida em plenitude para todos: Vós sois o sal da terra Vós sois a l u z d o m u n d o A s s i m resplandeça a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras, e glorifiquem a vosso Pai, que está nos céus. (Mt 5, ) V e n c e n d o t o d a barreira de indiferença ou autosuficiência, a Igreja se vê como dom de Deus para o m u n d o, d o m d e D e u s n a fragilidade humana. Assim, reconhecendo suas limitações sabe também dos dons que carrega para o bem comum de toda pessoa humana. Ela vive para a sociedade humana, como dom do Reino de Deus, germe e instrumento na construção de um mundo mais plenamente humano e divino, onde a real felicidade de todos é possível pela graça do Amor de Deus. Ela leva o Evangelho da Vida, o Reino de Deus para o pleno bem da humanidade, a toda criatura. Igreja e sociedade: relacionamento indispensável que se realizará no serviço, no d i á l o g o, n a c o o p e r a ç ã o solidária. Assim a mesma Igreja se vê em sua relação com a sociedade: A Igreja pensa que, por meio de cada um de seus membros e por toda a sua comunidade, pode ajudar muito a tornar mais humana a família humana e a sua história. o cristão que descuida dos seus deveres temporais falta aos seus deveres para com o próximo e até para com o próprio Deus, e põe em risco a sua salvação eterna. (GS 40) C o m o P a p a Francisco a Igreja hoje é chamada com empenho para com os pobres e sofredores, os que estão nas periferias e x i s t e n c i a i s, o n d e a humanidade se mostra mais fragilizada. A este clamor com toda a sociedade humana quer responder para a plena vida e dignidade humana das pessoas e sua convivência. Assim se constroi uma sociedade justa e fraterna, pacífica e solidária ela já sinaliza o que ainda é muito mais a meta divinohumana: o Reino de Deus a vida plena para todos. + José Antonio Aparecido Tosi Marques Arcebispo Metropolitano de Fortaleza 4

5 ³Nomeação e Provisões - fevereiro de Nomeação de Notária do Tribunal Eclesiástico de Fortaleza - Ingrid Moreira da Silva Nomeação de Notária do Tribunal Eclesiástico de Fortaleza - Pâmela Pinheiro dos Santos Provisão de Vigário Paroquial de Santa Cecília Bom Jardim, Fortaleza - Pe. Antonio Augusto Menezes do Vale Provisão de Vigário Paroquial de São José - Vila Pery, Fortaleza - Pe. Jovanês Vitoriano, SDS Provisão dos membros do Conselho Econômico - Paróquia São Francisco de Assis Jacarecanga, Fortaleza Provisão dos membros do Conselho Econômico - Paróquia N S d a G l ó r i a - C i d a d e d o s Funcionários, Fortaleza Autorização de Santa Reserva Eucarística na Capela Santa Rita de Cássia - Bairro Encantada, Área Pastoral Mangabeia, Eusébio CELEBRET - Pe. Antonio Furtado Sobrinho, CCSh CELEBRET - Pe. Cledison Reis Lima, CCSh C E L E B R E T - Pe. Leonardo Bezerra da Silva CELEBRET - Pe. João Paulo de Mendonça Dantas, CCSh CELEBRET - Pe. Jairo Barbosa Leite, CCSh Uso de Ordem na Arquidiocese de Fortaleza para o Pe. José Acrizio Vale Sales, SJ Uso de Ordem na Arquidiocese de Fortaleza para o Pe. Ariston dos Santos Barros Filho, MI Provisão dos membros do Conselho Econômico - Área Pastoral Nossa Senhora de Fátima - Guadalajara, Caucaia Indulto de saída da Congregação dos Sacramentinos de Nossa Senhora - Frater Francisco Wilson de Almeida do Nascimento, SDN Provisão dos membros do Conselho Econômico - Paróquia Santa Teresinha do Menino Jesus Chorozinho Provisão dos membros do Conselho Econômico - Paróquia Sagrado Coração de Jesus e Santa Luzia - Pedra, Itaitinga

6 ³Jubileu Centenário da Arquidiocese Neste Boletim Informativo, março d e , c o n t i n u a n d o a recordação dos cem anos da A r q u i d i o c e s e d e Fo r t a l e z a, a p r e s e n t a m o s o p a s t o r e i o e p i s c o p a l d e D o m A l o í s i o L o r s c h e i d e r ( 2 6 / 3 / a 12/7/1995) e de Dom Cláudio Hummes (29 de maio de 1996 a 15 d e a b r i l d e ). PARÓQUIAS CRIADAS POR DOM ALOÍSIO LORSCHEIDER (26/3/1973 a 12/7/1995) Data Paróquia Município 16/4/1975 Santa Cecília Bom Jardim, Fortaleza 31/7/1975 Divino Espírito Santo Cidade Dois Mil, Fortaleza 14/12/1975 Jesus, Maria, José Vila União, Fortaleza 13/3/1976 Nossa Senhora da Glória Cid.Funcionários, Fortaleza 20/05/1982 Santo Afonso de Ligório Parquelândia, Fortaleza 23/1/1984 Nossa Senhora da Assunção Nova Assunção, Fortaleza 10/5/1986 Senhora Sant Ana Param oti 1/1/1986 Paróquia Santo Antônio Caridade 30/3/1994 São João Batista Horizonte 3/5/1992 Nossa Senhora da Conceição Pajuçara, Maracanaú 18/1/1995 Nossa Senhora da Conceição Conjunto Ceará, Fortaleza Principais ações no pastoreio de Dom Aloísio 1. Elaboração dos Planos de Pastoral Orgânica. Em 1974, foi elaborado o primeiro Plano de Pastoral da Arquidiocese de Fortaleza. A cada ano, era publicado um novo Plano Pastoral, depois de uma avaliação e uma assembleia pastoral. Na conclusão deste primeiro Plano Pastoral, em 1974, Dom Aloisio afirma: Em nosso Plano A r q u i d i o c e s a n o d e P a s t o r a l Orgânica ou de Conjunto não há projetos de foranias, paróquias, comunidades eclesiais de base, m o v i m e n t o s d e 1 e i g o s, associações, organismos, setores de atividade pastoral. Trata-se de um Plano que atinge a Arquidiocese como tal, no seu todo. As foranias, 6

7 paróquias e demais setores pastorais devem, dentro do objetivo, diretrizes, normas do Plano Arquidiocesano, fazer os seus próprios projetos, montar o seu próprio Plano do Atividades, apresentando-o possivelmente à Cúria Arquidiocesana, ao Setor da Coordenadoria de Pastoral, a fim de que todas as forças vivas da Arquidiocese possam tomar conhecimento das realizações dos setores, evitando repetição das mesmas tarefas no mesmo sentido. Estes planos setoriais são m u i t o i m p o r t a n t e s s ã o indispensáveis para uma pastoral eficiente. 2. Em 1974, têm início os cursos de preparação de batismo para pais e padrinhos; de crisma para os jovens; do matrimônio para os noivos. Começa, então, o surgimento nas p a r ó q u i a s d a s p a s t o r a i s sacramentais do Batismo, dos Noivos, a catequese de Crisma. 3. Um dos capítulos do Plano P a s t o r a l d e t r a t a d a necessidade de preparação para a recepção dos sacramentos e apresenta as normas para a c e l e b r a ç ã o d o B a t i s m o, C o n f i r m a ç ã o, E u c a r i s t i a, Penitência, Matrimônio e Unção dos Enfermos, Exéquias e Liturgia da P a l a v r a. C o m o A ç ã o Arquidiocesana destacam-se, e n t r e o u t r a s a t i v i d a d e s a s seguintes: a) dar a máxima importância e o primeiro lugar ao anúncio da Palavra de Deus; b) apoiar e estimular a f o r m a ç ã o d e g r u p o s e comunidades de base no espírito aprofundado do Evangelho; c) formar em cada paróquia o Conselho Pastoral; d) concretizar sempre mais a presença da Igreja nos meios humanamente mais pobres, assumindo como áreas prioritárias as comunidades do interior, a p e r i f e r i a d e F o r t a l e z a, o s ambientes de favela...; e ) i n t r o d u z i r n a s 7

8 comunidades o culto dominical, aperfeiçoando-o onde já existe; f) intensificar os círculos bíblicos. Começa também a montagem de serviço e assessorias especiais, tais como a formação de Ministros da Eucaristia, Leitores, Monitores e Dirigentes do Culto; a integração e coordenação dos organismos de Promoção Social Campanha da Fraternidade, Cáritas, MEB e A s s i s t ê n c i a S o c i a l ; a r e e s t r u t u r a ç ã o d a C ú r i a Arquidiocesana como Centro de Pastoral Arquidiocesano; criação de um Boletim Arquidiocesano; p r e g a ç ã o d e M i s s õ e s n a Arquidiocese Semanas de Evangelização. No Plano das Paróquias, o Plano Arquidiocesano sugere, já em 1975: Cada paróquia fará, dentro do plano da arquidiocese e da forania, o seu plano paroquial de pastoral. Neste plano não poderá faltar a organização da catequese paroquial e do culto dominical, nas capelas existentes, com a devida formação dos dirigente do culto e c o m u n i d a d e, a l é m d o encaminhamento do conselho Paroquial, seja pastoral, seja administrativo, com o estudo do dízimo Em 1985, foi publicado o ú l t i m o P l a n o P a s t o r a l Arquidiocesano, pois, naquele ano, foram criadas as Regiões Episcopais. Ao todo, foram onze Planos de Pastoral. A partir de 1986, cada Região Episcopal d e veria e l a b o ra r s e u P l a n o Pastoral. A Linha de Pastoral da Arquidiocese é que iria dar unidade aos planos pastorais das Regiões Episcopais e todas elas deveriam seguir a que estava expressa no Plano de Pastoral de , que assim rezava: A partir da verdade sobre Jesus Cristo, a igreja e o Homem, na comunhão e participação, uma clara e profética opção preferencial e solidária pelos pobres em vista de sua libertação integral. Dom Aloísio retoma a importância da Linha Pastoral, como eixo de unidade na ação pastoral da Arquidiocese, e na Carta sobre a Ação Pastoral na Arquidiocese de Fortaleza, de 1989, assim escrevem Dom Aloísio e seus dois bispos auxiliares, Dom Edmilson e Dom Geraldo: Tendo em vista esses dados, deve agora ficar bem claro para todos que a linha de pastoral da Arquidiocese de Fortaleza é: A evangelização da nossa realidade arquidiocesana, a partir do povo oprimido, a partir da evangélica ou profética opção preferencial e solidária pelos pobres, em comunhão fraterna e 8

9 participação libertadora, na luz da verdade total sobre Jesus Cristo, a Igreja, o Homem, em vista a uma t r a n s f o r m a ç ã o q u e s e j a antecipação e anúncio do Reino Definitivo de Deus (nº. 48, pág. 13). 5. R e a l i z a ç ã o d o X Congresso Eucarístico Nacional e visita do Santo Padre São João Paulo II à Arquidiocese de F o r t a l e z a, p o r o c a s i ã o d o Congresso. 6. A A s s e m b l e i a Arquidiocesana de dezembro de 1980 aprovou e o senhor arcebispo criou o Centro de Defesa e P r o m o ç ã o d o s D i r e i t o s Humanos CDPDH. 7. Começam a surgir, pouco a pouco, desde o início do seu pastoreio, as pastorais sociais, seja a partir dos temas da CF, seja a partir dos desafios da realidade, seja ainda por iniciativa do arcebispo a partir de pastorais já organizadas em plano nacional. A mais antiga parece-me ser a P a s t o r a l O p e r á r i a, d a n d o continuidade à Ação Católica Operária. 8. São trazidos para a A r q u i d i o c e s e d i v e r s o s movimentos eclesiais, entre eles intensificam-se bastante o Cursilho de Cristandade, o Encontro de Casais com Cristo, a Renovação Carismática. 9. Nasce na Arquidiocese o Conselho de Leigos. Dom Aloísio dá-lhe total força e por seu desejo o Conselho de Leigos ter-se-ia tornado Conferência, à semelhança da CNBB e da CRB. 10. São criadas as Regiões Episcopais. Após dois anos de e s t u d o e r e f l e x ã o e t r ê s assembleias arquidiocesanas, sendo uma em 1984 e duas em 1985 (julho e outubro), foram criadas as seis Regiões Episcopais, com o prazo de se organizarem até julho de 1986, quando deveriam ter realizado suas primeiras a s s e m b l e i a s, e s c o l h i d o a s coordenações regionais a partir das p r i o r i d a d e s d o P l a n o Arquidiocesano de Pastoral então vigente, e apresentado ao senhor arcebispo as listas tríplices para a nomeação dos primeiros vigários episcopais, o que ele fez em julho de O s i n s t r u m e n t o s d o planejamento e da ação de pastoral de conjunto que os vigários episcopais possuíam em suas Regiões eram: - Coordenação Pastoral; - Conselho Pastoral; - Encontro dos padres por região; - encontro das prioridades e das pastorais por região; 9

10 10

11 - assembleias de avaliação e planejamento; - encontros de formação permanente; - como recurso financeiro, o retorno de 50% dos 10% que cada paróquia dava à Mitra, para as s e i s r e g i õ e s e p i s c o p a i s, distribuídos diferenciadamente, conforme a realidade social e eclesial de cada uma delas. Em nível de Arquidiocese m a n t i v e r a m - s e o C o n s e l h o Episcopal mensal, o Conselho Pastoral trimestral, a Assembleia Arquidiocesana a cada dois anos. 11. As Visitas Pastorais tornaram-se um momento forte das Regiões Episcopais, pois não eram feitas a uma paróquia, mas à Região Episcopal, com a participação de todos os padres e dos agentes de pastoral da Região, na medida de suas possibilidades. Duas cartas pastorais foram publicadas a partir dessas Visitas: CARTA sobre a Ação Pastoral na Arquidiocese, em 1989, e a Carta Pa s t o ra l s o b r e a D i m e n s ã o Missionária da vida cristã, em Também foi durante a Visita Pastoral à Região Episcopal Metropolitana 1, em 1994, durante a visita ao Penal Paulo Sarasate, que houve o sequestro do senhor arcebispo Dom Aloísio, dos bispos auxiliares Dom Edmilson e Dom Geraldo, do vigário episcopal Pe. Aldo Pagotto, hoje arcebispo de João Pessoa PB, e de outros acompanhantes. 12. Áreas Pastorais Em 1989, Dom Aloísio, em lugar de criar paróquias, passa a criar áreas pastorais. A primeira experiência foi a Área Pastoral da Jurema, com cinco grandes aglomerados humanos, cada um deles com um padre ou uma comunidade religiosa. Não havia um pároco, nem a centralidade em uma matriz. A área pastoral, no desejo de Dom Aloísio, não era uma q u a s e - p a r ó q u i a, n e m u m a localidade que se prepara para ser paróquia, mas um jeito novo de ser paróquia. Por isso a nova titulação. De repente começaram a surgir, sobretudo nas regiões Episcopais Metropolitanas 2 e 3, várias áreas pastorais, cujos decretos oficiais de criação não se encontram na chancelaria da Arquidiocese. E n t r e t a n t o e n c o n t r a m o s a presença dessas áreas pastorais nos relatórios visitas pastorais, encontros e assembleias de algumas Regiões Episcopais. 11

12 Áreas Pastorais criadas de 1989 a 1995 durante o ministério episcopal de Dom Aloísio A. Na Região Episcopal Metropolitana J u r e m a, C a u c a i a, 2 1 / 1 1 / , a b r a n g e n d o o Conjunto Nova Metrópole, o Conjunto Araturi; o Conjunto Marechal Rondon; o Parque Guadalajara; o Parque Potira; 2. Granja Portugal; 3. P a r q u e G e n i b a ú, 08/05/1991; 4. B a r ra d o C e a r á, e m 9/6/1992; 5. Tabatinga; 6. Álvaro Weyne, em 12 de dezembro de 1994; 7. Sertão e serra de Caucaia Capuan; 8. Tabapuá, em 26 de junho de A Paróquia de santa Cecília, com o paroquiato dos padres c o m b o n i a n o s p a s s o u a s e denominar Área Pastoral do Bom Jardim. B) Na Região Episcopal Metropolitana 3: 1. Tancredo Neves; 2. Lagamar; 3. Lagoa Redonda; 4. Guajeru; 5. Conjunto Jereissati I e Timbó; 6. Itaitinga; 7. S e m i n á r i o S e r á f i c o (comunidades vizinhas); 8. Pisando Chão Novo (São Bernardo e Parque São Miguel); 9. Conjunto Palmeiras, em 30 de setembro de 1994 (Boletim Informativo nº ; 10. BR 116 (comunidades marginais); 11. Seminário Regional de Teologia (comunidades vizinhas); 12. Dendê e Seis Bocas; 13. Eusébio. C. Região Praia 1. Pindoretama e Tapera, em 25 de abril de Sucatinga A r t i c u l a ç ã o d a s Pastorais Sociais Como fruto da Primeira Semana Social Brasileira na Arquidiocese, em 1991, começa um processo de criação da articulação arquidiocesana das Pastorais Sociais, Organismos e CEBs que continua até hoje. Ao longo dessa caminhada houve m u i t o s f r u t o s : c a r t i l h a s d e orientação política, a Agência de Notícias Esperança - Anote, a animação, desde 1994, do Grito dos Excluídos, e já agora, no 12

13 governo episcopal de Dom José Antonio, do Curso de Verão na Te r r a d o S o l, d a c o m i s s ã o arquidiocesana do Fundo de Solidariedade e da Festa da Vida. A própria ADITAL, embora não seja ó r g ã o j u r i d i c a m e n t e arquidiocesano, é também fruto dessa articulação das Pastorais Sociais. 14. Projeto do Batismo. A 15ª Assembleia Pastoral, em 1992, aprovou quase unanimemente o Projeto do Batismo, que por dois anos já vinha sendo estudado e refletido nas paróquias e regiões episcopais, como um caminho catecumenal de inserção dos pais na comunidade paroquial como requisito importante para o Batismo C r i a ç ã o d o Secretariado de Pastoral. Também como fruto dessa mesma assembleia, 15ª, Dom Aloísio, após duas reuniões conjuntas, dos Conselhos Episcopal, Presbiteral, E c o n ô m i c o e C o l é g i o d e C o n s u l t o r e s, d a C o m i s s ã o Ampliada de Pastoral e da Equipe de Articulação, por ele convocadas para dar os encaminhamentos n e c e s s á r i o s à s p r o p o s t a s aprovadas na referida Assembleia, criou no dia 6 de outubro de 1992 o Secretariado Arquidiocesano de Pastoral. D O M C L Á U D I O H U M M E S (29 de maio de 1996 a 15 de abril de 1998 Paróquias Criadas por Dom Cláudio Hummes Data Paróquia Município 11/4/1997 Nossa Senhora do Perpétuo Socorro Jereissati / Timbó Nossa Senhora da Imaculada Tabatinga, 10/5/1998 Conceição Maranguape 13

14 Principais ações pastorais. Dom Cláudio passou menos de dois anos como Arcebispo de Fortaleza. Entre as ações no seu pastoreio, destacamos: 1. Convocação da Assembleia Arquidiocesana de 1996, cuja data já e s t a v a p r e v i s t a n a A g e n d a Arquidiocesana, com a presença dos coordenadores dos novos movimentos para participar da Assembleia e com o tema do Projeto Rumo ao Novo Milênio. 2. Investiu bastante em encontro e subsídios para a realização desse projeto trienal e do ano jubilar. 3. Trouxe o sinal da Rede Vida para Fortaleza. Para tanto, realizou o abraço à Catedral Metropolitana com milhares de católicos, com o objetivo de conseguir recursos para a construção da torre repetidora do sinal. 4. Estando em Roma, sabedor das ameaças que estavam sofrendo os acampados do MST, em frente à Secretaria Estadual de Agricultura, na Av. Bezerra de Meneses, interveio de Roma, por telefone, em defesa dos acampados junto ao governador que prontamente o atendeu. 5. Foi a Pecém visitar e ouvir as famílias cujas casas estavam sendo ameaçadas de desapropriação para a construção do Porto de Pecém e da Siderúrgica e conversar com as autoridades que lá se encontravam. 6. D e u a a p r o v a ç ã o arquidiocesana ao Shalom. No próximo e, provavelmente, último Boletim Informativo impresso da Arquidiocese de Fortaleza, faremos a apresentação do pastoreio de Dom José Antonio Aparecido Tosi Marques, que no dia 24 de março próximo completa dezesseis anos de governo episcopal da arquidiocese de Fortaleza. Miguel Brandão 14

15 ³Regiões, Paróquias e Áreas Pastorais Região São José Informes da Região Encontro dos Setores Acontecerá no dia 21 de março, próximo sábado, a reunião dos três setores em nossa Região. Será às 8h30min e os participantes refletirão sobre o tema da CF O Setor Centro terá seu encontro na Paróquia do Carmo, o Leste na Paróquia de Fátima e o Oeste no Centro de Formação Santo Afonso, localizado na Rua Bernardo Figueiredo, 2910, esquina com a Rua Tipógrafo Sales. O encontro dos Setores é aberto a todos os a g e n t e s d a s p a s t o r a i s, movimentos e organismos da Igreja que têm atuação na Região São José. 3ª Catequese Quaresmal Convidamos com muito carinho toda a juventude a p articipar d a 3ª C atequese Quaresmal que acontecerá em nossa Região, especificamente na Paróquia Nossa Senhora das Dores, no Otávio Bonfim, no dia 28, ás 15h e contará com a participação dos grupos de jovens de todas as paróquias da Região Episcopal. Desde já agradecemos a abertura de coração do Frei Gilmar, e dos frades irmãos e dos queridos paroquianos. Comissão das Urgências Acontecerá no dia 7 de abril, ás 19h, na Sala da Região São José, a reunião da Comissão das Urgências. Ela será coordenada pelo Padre Luís Sartorel, atual coordenador das Urgências na Região. Nesta reunião trataremos sobre a caminhada das Equipes Paroquiais das Urgências para este ano de 2015 e veremos o que vamos abordar no encontro de junho. PASCOM da Região No dia 7 de abril, às 19h, na Paróquia da Paz, acontecerá o Encontro da Pascom da Região São José. Solicitamos que as paróquias enviem 2 ou 3 representantes, que trabalhem com a comunicação, a fim de que possamos organizar melhor a nossa caminhada da Pa s c o m n a Re g i ã o e a s s i m possamos melhorar cada vez mais a comunicação entre as paróquias. 15

16 Coordenação da Região N o d i a 8 d e a b r i l, à s 18h30min, na Sala da Região, a c o n t e c e r á a r e u n i ã o d a Coordenação da Região. Serão dados alguns encaminhamentos para o mês de abril, como o Conselho Pastoral e avaliados t a m b é m o u t r o s p o n t o s d a caminhada que já realizamos até o atual momento. Encontro dos Presbíteros Acontecerá no dia 9 de abril, ás 8h30min, no Auditório da Cúria Arquidiocesana, a Reunião dos Padres da Região São José. Desde já esperamos os párocos, vigários paroquiais e demais presbíteros que atuam em nossa Região, para esse momento de escuta, repasse, decisões e, acima de tudo, de fraternidade! Serviço de Animação Vocacional Acontecerá no dia 11 de abril, ás 8h30min, no Centro de Pastoral Maria Mãe da Igreja, o encontro do Serviço de Animação Vocacional. Por isso convidamos os jovens, casais e demais pessoas q u e d e s e j a m a p r o f u n d a r e conhecer melhor a sua vocação, para participar deste momento vocacional. Conselho Pastoral Convidamos os padres e os representantes paroquiais (o titular ou o seu suplente) para a próxima Reunião do Conselho Pastoral da REM São José, que se realizará no dia 25 de abril, às 8h30min, no Centro de Pastoral Maria Mãe a Igreja! Neste conselho iremos conhecer o que nos fala o Doc. 107 da CNBB sobre os Cristãos Leigos e Leigas na Igreja e n a S o c i e d a d e. D e s d e j á aguardamos a presença de todos, com muita alegria. Formação para os Catequistas Acontecerá no dia 26 de abril, das 8h às 12h, na Paróquia de Fátima uma formação para todos os catequistas de nossa Região. O t e m a é : C o m o a t r a i r o c a t e q u i z a n d o? A j u d a r á n a reflexão a Sra. Elenir Pereira, facilitadora da ESPAC. Não perca! Paróquia de São Vicente de Paulo A Paróquia de São Vicente de Paulo vem pautando seus trabalhos pastorais a partir da 3ª Urgência da Ação Evangelizadora na Igreja do B r a s i l : I g r e j a l u g a r d e animação bíblica da vida e da Pastoral. 16

17 Por causa dessa urgência, criou-se a Pastoral Bíblica através de dois cursos bíblicos: o básico para iniciantes dirigido pelo Pe. Neto e o avançado para pessoas que desejam um aprofundamento, com o Professor Fernando Paixão. O m é t o d o d e e s t u d o t r a b a l h a d o p e l o P e. N e t o (especialista em teologia bíblica) é a leitura de capítulo a capítulo de cada livro bíblico, esclarecendo as partes difíceis e tirando as dúvidas. Ele segue o seguinte roteiro numa simples folha de papel ofício: apresentação do livro, divisão do livro, explicação dos capítulos u s a n d o a e x e g e s e, a hermenêutica, o quiasmo, a linha histórica do povo de Israel; os textos bíblicos litúrgicos dos anos A B e C e os anos ímpares e pares da liturgia; referências bibliográficas para o aprofundamento utilizando a Bíblia de Jerusalém, como ler o livro do Gênesis, São Jerônimo Antigo e Novo Testamento, o Anúncio do Antigo Testamento; as narrativas do céu as histórias, as ideias e os personagens do Antigo Testamento; História de Israel, The Collegeville Bible Commentary, e as anotações pessoais do Pe. Neto, dos cursos bíblicos no Instituto Bíblico da Arquidiocese de Nova York - EUA e no Centro Bíblico Verbo SP. E por fim é colocado um exercício para avaliação do a p r e n d i z a d o. E s s a f o l h a é distribuída semanalmente. C a s o a l g u m a Pa r ó q u i a, Região Episcopal e pessoas interessadas desejem participar dos cursos, gentileza entrar em contato com o Pe. Neto: (pela manhã) ( S e c r e t a r i a Paroquial) M a u r i l i o e F l o r e n c e : Coordenadores da Pastoral Bíblica Região Bom Jesus dos Aflitos Informes da Região Retiro para a Catequese Nos dias 20, 21 e 22 de março, teremos um retiro para os nossos catequistas. Este ano vamos trabalhar o tema: Servir com Caridade, com assessoria de Dom Rosalvo e Pe. Emílio Castelo. O local do retiro será a Casa de Encontro das Cordimarianas, em Caucaia. O valor para cada 17

18 participante será R$ 140,00. Todos deverão levar roupa de cama, toalha de banho e objetos de uso pessoal. A acolhida será no dia 20, das 17h às 19h. Na certeza de que contaremos com a presença de todos, desde já agradecemos pela doação e colaboração de cada um no processo de educação da fé. Encontro de Formação do Dízimo A Pastoral do Dízimo de nossa região vem sempre buscando formações para uma melhor evangelização de seus agentes. Por isso, no próximo dia 21 de março, às 15h, na Comunidade Nossa Senhora da Conceição da Paróquia São Francisco de Assis, no Canidezinho, todos os agentes estarão se encontrando novamente para mais uma formação. O tema a ser abordado será: Espiritualidade na Missão do Dízimo, que será ministrado por Zuleide (Ministra da Palavra). Encontro de Formação do Clero e Urgências Evangelizadoras de Pastoral Este ano nossa Região terá o seu 1º Encontro das Urgências Evangelizadoras de Pastoral no dia 28 de março, a partir das 8h. Para este ano, juntamente com o encontro das urgências, todo o Clero de nossa região irá se encontrar para um momento de formação. Portanto teremos nossas partilhas do andamento das urgências em cada paróquia e paralelamente uma formação para todos os padres. O encontro acontecerá na Área Pastoral Santo Antônio de Pádua, no Pici. Pastoral do Batismo N o d i a 1 2 d e a b r i l, acontecerá mais um Encontro de Formação da Pastoral do Batismo. O e n c o n t r o a c o n t e c e r á n a Paróquia São Francisco de A s s i s, n o C a n i d e z i n h o. A p r e s e n ç a d e t o d o s o s representantes das paróquias é i n d i s p e n s á v e l p a r a o b o m aproveitamento do encontro. Maiores informações com o Diácono Sérgio. Peregrinação na Catedral D i a 1 9 d e a b r i l ( 3 º Domingo da Páscoa) Paróquias participantes: Bom Jesus dos Aflitos, São Raimundo, Nossa Senhora de Salette, Nossa Senhora de Nazaré e Jesus, Maria, José. Presidente da celebração: Vigário Episcopal Pe. Fernando Antônio 18

19 D i a 2 6 d e a b r i l ( 4 º Domingo da Páscoa) Paróquias participantes: Nossa Senhora Aparecida, São José, São Francisco de Assis, Santa Cecília e Área Pastoral Santa Paula Frassinetti. Presidente da celebração: Pe. Watson Façanha D i a 3 d e m a i o ( 5 º Domingo da Páscoa) Paróquias participantes: Coração Imaculado de Maria, Imaculada Conceição, São Pio X, Área Pastoral Santo Antônio de Pádua. Presidente da celebração: Pe. Carlos Tamboril Programação: 8:30h: Chegada, visita à exposição, com explicação do sentido da peregrinação e do Jubileu. 10h: Celebração Eucarística Conselho da Região N o d i a 2 5 d e a b r i l, acontecerá mais um Conselho da região, a partir das 830h na Paróquia Jesus, Maria, José, na V i l a U n i ã o. Pa ra t o d o s o s c o n s e l h o s c o n t a m o s c o m a p r e s e n ç a d e t o d a s a s representações paroquiais e de seus párocos e vigários paroquiais. A reunião da coordenação para preparar a pauta a ser discutida neste conselho acontecerá na quarta-feira, dia 22 de abril, às 19h, na Paróquia Nossa Senhora de Salette. Região Nossa Sra. da Assunção Informes da Região Catequeses Quaresmais Setor de Juventude N o m ê s d e m a r ç o a s C a t e q u e s e s Q u a r e s m a i s continuam sendo realizadas. Os d o i s p r i m e i r o s e n c o n t r o s aconteceram na Granja Portugal e no Santuário. Nos sábados 21 e 28 apenas no Santuário de Nossa Senhora da Assunção. No dia 21 teremos a honrosa presença de nosso bispo auxiliar Dom Rosalvo Cordeiro e no dia 28 trataremos do aspecto da reconciliação e perdão das dívidas de todo o ano jubilar. Para melhor servir à juventude contaremos com a presença dos padres da região episcopal para as confissões. Esperamos contar com a participação de toda a juventude 19

20 nesse momento forte do jubileu. Informações: Sérgio (85) e Claima (85) Encontro com o Clero Convidados todos os padres da região a se fazerem presentes ao 1º Encontro do Clero do ano. O momento será de reflexão em torno dos trabalhos propostos para Será realizado na Igreja do Genibaú, no dia 18 de março, às 9 h, contamos com a presença de todos os padres de nossa região. Informações: Alex Ferreira (85) Fr. Jesus (85) Encontro de Formação para os Missionários do Jubileu A pedido do senhor Arcebispo, através do Conselho Episcopal, a comissão da Primeira Urgência pastoral, Igreja em estado permanente de Missão, convida os missionários e missionárias a participarem da formação contínua preparatória para o grande momento da Missão. Estamos s o l i c i t a n d o 1 4 p e s s o a s p o r p a r ó q u i a e á r e a p a s t o r a l, distribuídos entre 50% de jovens e 50% de adultos. A formação acontecerá todos os meses (de março a junho e de agosto a setembro), no horário das 14h às 16h30, na Igreja Nossa Senhora das Graças, no bairro Pirambu. O encontro de março é no dia 21, com a presença de nosso bispo auxiliar Dom Vasconcelos. A grande missão jubilar acontecerá no dia 18 de outubro (VI Despertar Missionário da Região). Solicitamos que os párocos e vigários paroquiais i n d i q u e m o s n o m e s d o s Missionários do Centenário e os enviem para a secretaria da Região. Informações: Alex, (85) Beth (85) Vera (85) Formação Permanente do MESC Acontece no dia 21 de março, às 14 h, na Igreja Santo Antônio, na Granja Portugal, a formação permanente para os Ministros da Comunhão. São convidadas as coordenações de cada paróquia e área pastoral. Os MESCs serão assessorados por Padre Martinho Alves, Vigário Paroquial da Granja Portugal. Esperamos contar com o apoio e presença de todos neste momento importante de formação e reencontro de irmãos. Informações: Francinélia (85)

21 Serviço de Animação Vocacional Pastoral Vocacional No dia 21 de março a Pastoral Vocacional da Região se encontra em comunhão com o Setor de J u v e n t u d e p a r a j u n t o s p a r t i c i p a r e m d a C a t e q u e s e Quaresmal com Dom Rosalvo Cordeiro. Pede-se a presença de todas as pastorais vocacionais, g r u p o s q u e t ra b a l h a m c o m v o c a ç õ e s, p a ra s e f a z e r e m presentes neste momento de suma importância para nossa pastoral vocacional. E no dia 11 de abril, às 8h30, no Jardim Iracema, se reunirá a equipe ampliada. Informações: Claima (85) Símbolos da Caridade Pe r e g r i n a n d o e m n o s s a região os símbolos do Ano da Caridade chega à Paróquia Nossa Senhora de Fátima, no bairro Álvaro Weyne, no dia 2 de abril. Que a presença desses símbolos possam animar nossa fé e nosso espírito comunitário. Eles estarão saindo da Paróquia São Francisco de Assis, no Pio Saraiva. Informações: Alex Ferreira (85) Comissão de Animação Bíblica A Comissão de Animação B í b l i c a c o n v i d a t o d o s o s representantes a se fazerem p r e s e n t e s a o s e u s e g u n d o encontro, cujo tema retratará a dimensão dos círculos bíblicos, sua atuação e desenvolvimento. E s p e r a m o s c o n t a r c o m a s representações das paróquias e áreas pastorais de nossa região. Dia 11 de abril, às 8h, no Carlito Pamplona. Informações: Ir. Jacó (85) Comissão da Iniciação à Vida Cristã A Comissão convida para a realização de sua formação mensal, no dia 12 de abril, às 8h, no Cristo Redentor. Contamos com a p a r t i c i p a ç ã o d e t o d o s o s representantes de paróquias e áreas pastorais. Informações: Verônica Barbosa ( ) e Valéria Tavares Alex Ferreira, Secretário da Região e Membro da Pascom Arquidiocesana 21

22 Região Episcopal N. Sra. dos Prazeres Informes da Região No próximo dia 28, último sábado de março, acontecerá no Instituto Madonnina Del Grappa, Parque Guadalajara, das 14h às 18h a Catequese Quaresmal da Região Episcopal. São convidados a participar todas as juventudes: Pastoral da Juventude, crisma, perseverança, grupos de jovens, grupos de oração, juventude carismática, Encontro de Jovens com Cristo, etc.. Com o tema Eu vim para servir, a tarde contará com a assessoria do seminarista Ivanildo e a Santa Missa será presidida por Dom Rosalvo Cordeiro de Lima, Bispo Auxiliar de Fortaleza. Escola de Coordenadores da Juventude A Juventude da Região Nossa Senhora dos Prazeres promove Escola de Coordenadores. Ela está direcionada a jovens, com idade igual ou superior a 14 anos, que estão iniciando a caminhada de líderes nos grupos de base ou que já exercem este serviço. O objetivo é formar novas lideranças e fortalecer as já existentes. A 1ª Etapa da escola tem como tema: "O Grupo de Jovens é lugar de felicidade, de resistência e de paz. A escola está dividia em três momentos: - 15 de março, às 14h - Trabalho do Eu, liderança; - 12 de abril, às 14h - Jesus Cristo; - de 16 de abril, às16h (início) a 17 de abril, às 15h (término) - Espiritualidade. To d o s o s p a r t i c i p a n t e s deverão levar: Bíblia, caderno para anotações, caneta, lanche para partilha e a contribuição de R$5,00 a ser entregue no dia de cada etapa. C a d a Pa r ó q u i a o u Á r e a Pastoral devem enviar dois jovens de cada grupo de jovem existente na paróquia ou área pastoral, que estejam dispostos e disponíveis a estar presentes nas datas citadas acima. A Escola de Coordenadores é uma realização do Setor Juventude (SEJUV) e Pastoral da Juventude ( P J ) d a R e g i ã o E p i s c o p a l 22

23 Metropolitana Nossa Senhora dos Prazeres para todas as Juventudes. Região Praia S. Pedro e S.Paulo Informes da Região É tempo de ser Igreja, caminhar juntos, participar. Parabéns ao Padre José Airton Lima Padre José Airton Lima c e l e b r o u s e u s 3 0 a n o s d e o r d e n a ç ã o p r e s b i t e r a l. A celebração foi como ele gosta, junto à comunidade, com a presença dos paroquianos, de a l g u n s p a d r e s d a R e g i ã o, familiares, amigos e dos que assumem os trabalhos pastorais. A celebração foi marcada pela simplicidade, homenagens, pedido de saúde e paz. A região louva e agradece a Deus pela vida de Padre Airton, que é filho desta região, natural de Beberibe, e deseja-lhe votos de muita saúde. Que ele continue dando exemplo do seu sacerdócio, vivendo-o com simplicidade, acolhida, ternura e zelo. Nossos parabéns! Encontro das Urgências Será realizado no dia 28 de março, d as 8h às 12h, em Guanacés, o encontro com os representantes da Urgências da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil. Nesse encontro será refletida mais especificamente a terceira urgência e como esta está relacionada com as demais. Maria Erivan, Secretária da Região Episcopal São Pedro e São Paulo Região Serra N. Sra. da Palma Informes da Região Catequese Quaresmal Realizar-se-á no dia 21 de março, na Região Nossa Senhora da Palma, a Catequese Quaresmal, com a presença do nosso Arcebispo Dom José Antônio e dos jovens de nossas paróquias. O horário será das 8h às 11h, no Ginásio do Colégio Instituto Nossa Senhora Auxiliadora, Baturité, e encerrará com a celebração da Santa Missa. 23

24 Setor Juventude Convidamos todos os jovens coordenadores paroquiais do Setor Juventude, da Região Serra, para um encontro, no dia 28 de março, às 8h, no Centro de Apoio da Região, com a presença do pároco da Paróquia Nossa Senhora da Conceição, Guaramiranga, Frei Wilter Gleiton. Equipe de Coordenação da Região Para tratarmos de assuntos referentes à Região, será realizado no dia 4 de abril, no Centro de Apoio, das 8h às 10h, encontro da equipe de coordenação da Região Serra com o Vigário Episcopal, Pe. Luiz Abner Cavalcante. Apostolado da Oração No dia 14 de abril, às 8 horas, haverá encontro da equipe do Apostolado da Oração da Região Serra. Local: Centro de Apoio. Pastoral Vocacional Será realizado, no dia 11 de abril, o encontro de vocacionados da Região. O coordenador é padre Cláudio Pereira, pároco de Aratuba. O encontro será das 8h às 12h, no Centro de Apoio da Região. 3ª Urgência Também no dia 11, no mesmo local e hora, se realizará um encontro de formação da 3ª U r g ê n c i a : I g r e j a, l u g a r d e animação bíblica da vida e da p a s t o r a l. Pa d r e Ro d r i g o d e Almeida, de Ideal, é o coordenador desse encontro, que tem como t e m a E s c o l a B í b l i c a e Catequética. Celebração do Ano da Caridade V i v e n c i a n d o o A n o d a Caridade, a Região vem realizando a peregrinação do Círio da Caridade e da Capela. No dia 22 de março, a Paróquia Sagrada Família, Ocara, entrega-os à Paróquia São Pedro, Barreira, que repassará para a Pa r ó q u i a S ã o J o ã o B a t i s t a, Acarape, no dia 5 de abril. As celebrações acontecem sempre às 18 horas. Feliz Aniversário A Região Episcopal Nossa Senhora da Palma parabeniza o Pe. Evandro Alves de Andrade, da Paróquia de Aracoiaba, pelo seu aniversário em 12 de março, o Pe. José Linhares, da Paróquia de Antônio Diogo, pelo seu aniversário de ordenação presbiteral, em 23 de março, e o Frei José Maria, vigário paroquial de Guaramiranga, pelo seu aniversário natalício em 26 de março. 24

25 Aniversário é um momento especial de renovação de vida. Porque Deus, na sua infinita sabedoria, deu à natureza, a capacidade de desabrochar a cada nova estação e a nós a capacidade de recomeçar a cada ano. Felicidades!!! Patricia, secretária da Região Episcopal Serra. Região Sertão S. Fco. das Chagas Informes da Região É preciso abrir as portas do coração e assumir uma Igreja sinal de comunhão e participação... quero uma Igreja Missionária que saiba ouvir e acolher... a riqueza das CEBs e movimentos. CEBs e Movimentos Leia este texto extraído da Carta sobre Ação Pastoral na Arquidiocese de Fortaleza, em 1989, de Dom Aloísio Lorscheider. 64. Percebe-se uma tensão entre CEBs e Movimentos. Para superar sempre mais essa tensão, Boletim Informativo - março de 2015 é preciso deixar, de um lado, bem claro o direito que os cristãos leigos têm para se associar com fins de caridade ou de piedade, ou para fomentar a vocação cristã no mundo, e reunir-se para, em conjunto, alcançar esses fins. É um direito que tem sua fonte na vida de comunhão e na missão da própria Igreja (cf Christifideles laici, 29; Código de Direito Canônico, Cânon 215). De outro lado, porém, esse direito de livre associação não pode levar ninguém a se fechar em si mesmo. Todo Movimento na Igreja, legitimamente reconhecido, não pode colocar-se acima ou à margem da comunidade cristã, nem realizar pastoral ou fazer evangelização paralela ou até contrária à linha de pastoral da Igreja Particular, na qual o Movimento, seja supradiocesano, seja internacional, se inseriu. Nesta Arquidiocese nenhuma pastoral alheia à linha de pastoral claramente definida e por nós assumida nesta Carta Pastoral pode se considerar em autêntica comunhão eclesial ou pensar que esteja realizando de modo correto a verdadeira missão da Igreja aqui e agora. 65. Existe ainda da parte de muitos uma concepção menos exata da relação entre Igreja Particular e Igreja Universal. 25

26 Julgam alguns que um Movimento uma vez aprovado para a Igreja Universal se pode colocar acima ou à margem da Igreja Particular. Ora, também na Igreja Particular, na A r q u i d i o c e s e, e s t á verdadeiramente presente e atua a Igreja de Cristo, una, santa, católica e apostólica (Christus Dominus, 11). O Bispo, colocado à frente da Igreja Particular, tem o direito e a obrigação de legislar para todos os seus súditos, de julgar e orientar tudo o que diz respeito ao culto e ao apostolado (Lumen Gentium, 27). Os Bispos não são representantes do Papa. Eles exercem um poder que lhes é próprio e que não é diminuído pelo poder universal e supremo do Romano Pontífice, mas antes lhes é a s s e g u r a d o, c o n s o l i d a d o e defendido (Lumen Gentium, 27). Na Christifideles laici, 25, escreve João Paulo II: Com vistas a uma adequada participação na vida da Igreja, é absolutamente urgente q u e o s f i é i s l e i g o s ( e n ó s acrescentamos: todos os fiéis cristãos) tenham uma ideia clara e precisa da Igreja Particular na sua originária ligação com a Igreja Universal. A Igreja Particular não é o produto de uma espécie de fragmentação da Igreja Universal, nem a Igreja Universal resulta do simples somatório das Igrejas Particulares, mas um laço vivo, essencial e perene as une entre si, enquanto a Igreja Universal existe e se manifesta nas Igrejas Particulares. 66. Fique, portanto, claro que as CEBs não são um Movimento, mas são Igreja em sua expressão mais básica, ao passo que os M o v i m e n t o s e x p r e s s a m t ã o somente aspectos importantes da vida e missão da Igreja, aspectos da caridade ou da piedade ou da vocação cristã no mundo. Não deveriam, pois, isolar-se das CEBs, nem as CEBs isolar os Movimentos. I g r e j a é c o m u n h ã o. E a comunicação mútua só pode é concorrer para o crescimento de todos em direção a Cristo e a edificação no amor (cf. Ef 4, 15-16). A eclesialidade que anima as CEBs e lhes dá consistência deve animar, dando-lhe consistência, todo Movimento e toda e qualquer associação de cristãos leigos, religiosos e sacerdotes. Antes, os Movimentos e as Associações devem dar tudo de si para que t e n h a m o s c o m u n i d a d e s p r o f u n d a m e n t e f r a t e r n a s, testemunhas da vida nova de Jesus no mundo de hoje. Iniciação Cristã Não se pode falar do Batismo, sem falar da Confirmação e da 26

27 Primeira Eucaristia. Tampouco p o d e m o s f a l a r d e s t e s sacramentos, sem referir-nos à Iniciação Cristã total. E não se pode falar desta Iniciação, se não falamos de evangelização, de catecumenato ou processos catecumenais, de catequeses, da renovação radical da vida, da autenticidade da comunidade cristã. (Lucélia coordenadora da catequese na Região). Os Encontros da Equipe de Catecumenato da Região Sertão retomaram os Estudos nesse ano de 2015, que serão de dois em dois meses no 4º. sábado, e nesse mês de março será no dia 28 em Canindé. Então, pedimos que as Paróquias de nossa Região enviem seus coordenadores paroquiais das pastorais do Batismo, Primeira Eucaristia e Crisma para darem continuidade às formações. Encontro da CF 2015 Já foram realizados nas paróquias encontros de formação da Campanha da Fraternidade (CF) Mas, iremos realizar no dia 28 de março, na Paróquia de Nossa Senhora das Dores em Campos Belos, um Encontro de Formação em nível de Região. Contaremos com a presença de representantes de todas as nossas paróquias, pois o tema da CF 2015 será trabalhado não somente no tempo quaresmal, mas durante todo o ano. Mutirão de Confissões Já há vários anos, vem sendo realizado anualmente em nossa Região, o Mutirão de Confissões na semana que antecede a Semana Santa. Este ano, o Mutirão de Confissões será realizado de 24 a 27 de março, em quatro paróquias da Região, no período da noite, iniciando às 19 horas: 24/03 Paróquia de São Miguel Arcanjo, Itapebuçu; 25/03 Paróquia Nossa Senhora das Dores, Campos Belos; 26/03 Paróquia de Senhora Sant'Ana, Paramoti; 27/03 Paróquia de Santo Antônio, Caridade. A Paróquia São Francisco das Chagas, a Paróquia São José e a Área Pastoral de Caiçara, as confissões serão no Santuário. Paróquia São José A Paróquia São José, bairro Bela Vista, em Canindé, está festando seu Padroeiro São José no período de 9 a 19 de março. 27

28 ³Presbíteros - aniversariantes de abril Nascimento 1 Pe. Antônio Carlos Tamboril Moreira 3 Diác. Antônio Kaubi Lopes da Silveira 4 Pe. Neri Feitosa 4 Pe. Raimundo Ivan Araújo 6 Pe. Francisco Josimar de Andrade Pires 6 Frei Carlos Ant. R. da Rocha, OFMcap 6 Frei José Nilto Pereira, OFMCap 7 Pe. José Francisco de Sousa 7 Pe. Raimundo Nonato Rezende, SJ 7 Pe. Sóstenes Tavares Luna, MSF 8 Pe. Manoel Barbosa Araújo, CM 8 Pe. José Eudázio do Nascimento Cruz 8 Pe. Pedro Ribeiro Filho, CM 9 Pe. Wagner dos Santos Braga 10 Pe. Djailton Pereira da Silva, SJ 10 Pe. João Wilkes R. Chagas Júnior, CSSH 11 Pe. Gilson Nunes da Silva, FN 11 Pe. Américo de Vasconcelos, SDB 12 Pe. Marcelo (Patrick) Lavery, C.Ss.R 13 Pe. Francisco Evaristo Marcos 14 Pe. Francisco Rodrigues de Souza 16 Pe. Francisco Mirton Bezerra de Lavor 16 Frei João R. Batalha Júnior, OFMconv 17 Pe. José Alexandre Brandão Menezes 17 Pe. Leonardo H. de Almeida Wágner 17 Diác. José Gilson e Silva 17 Pe. Gino Raisa, SJ 18 Pe. Jean Nogueira Moreno 18 Pe. Antônio Furtado Sobrinho, CCSH 19 Pe. Francisco das Chagas Martins 19 Pe. Abel Jakson Peixoto Lima 19 Pe. Pedro Vicente Ferreira, SJ 20 Pe. Marcelo Silva Holanda 21 Pe. José Pablo H. Gil Monfort, SJ 21 Diác. Joaquim Lima Júnior 22 Pe. Hemetério Alixandre de Santiago 22 Pe. Francisco Almeida Viana, CCSH 23 Pe. Hipólito Chemello, SJ 23 Pe. João Tryboba, SDS 25 Pe. Luiz Alberto Chaves Freire 25 Frei Ademir A. Nascimento, OFMcap 26 Diác. Francisco Carlos Alves dos Santos 26 Pe. Alberto Fuente Martinez, OAR 27 Mons. Philip Fouad Louka 27 Pe. Reginaldo Guimarães Lima 28 Pe. Maurício Nimauro Barbosa Rêgo 28 Pe. José Almir Martins Jucá Júnior 28 Pe. Enemias Freire de Almada 28 Pe. Ligório Limberger, MI 28 Pe. Batista Poinelli, FN 28 Diác. Antônio Policarpo de Alcântara 29 Pe. Francisco Sinvaldo Fernandes, SSS 30 Frei José Alberto Moreno Carrillo, OAR Ordenação Presbiteral 6 Mons. Fco. Manfredo Thomaz Ramos 17 Pe. Antonio Marcos de M. Nasc., CM 17 Pe. Fco. Ivo Sousa Nascimento, CM 20 Pe. Wilson Fernandes da Silva 25 Pe. Sergio Giacinto Cometti, FN 28

COM SÃO FRANCISCO, NA CARIDADE, BUSQUEMOS A ÉTICA EM PROL DO BEM COMUM

COM SÃO FRANCISCO, NA CARIDADE, BUSQUEMOS A ÉTICA EM PROL DO BEM COMUM CONVITE: A Paróquia de São Francisco de Assis tem a honra de lhes convidar para a Festa do Nosso Amado Padroeiro com o Tema: COM SÃO FRANCISCO, NA CARIDADE, BUSQUEMOS A ÉTICA EM PROL DO BEM COMUM Que realizar-se-á

Leia mais

PARÓQUIA SÃO MATEUS CALENDÁRIO 2014

PARÓQUIA SÃO MATEUS CALENDÁRIO 2014 Dia Dia da JANEIRO COM MARIA CONSTRUIR A PAZ 31 MISSA NA SÃO MATEUS 20H 01 Quarta SOLENIDADE DA SANTA MÃE DE DEUS, MARIA/ MISSA NA CAPELA SANTO ANTONIO 10H 2 MISSA NA SÃO MATEUS 19H30 3 HORARIO NORMAL

Leia mais

BREVE HISTÓRICO DA PARÓQUIA SÃO JOÃO BATISTA - TAUAPE

BREVE HISTÓRICO DA PARÓQUIA SÃO JOÃO BATISTA - TAUAPE BREVE HISTÓRICO DA PARÓQUIA SÃO JOÃO BATISTA - TAUAPE A Paróquia de São João Batista do Tauape foi criada por sua Excia. Revma. Dom Antônio, de Almeida Lustosa, na época Arcebispo de Fortaleza, pelo decreto

Leia mais

CALENDÁRIO DIOCESANO 2013 JANEIRO

CALENDÁRIO DIOCESANO 2013 JANEIRO CALENDÁRIO DIOCESANO 2013 JANEIRO 02 a 10 Escola Vocacional em João Pessoa/PB 10 a 20 Festa de São Sebastião em Jucurutu (Zonal IV) e Parelhas (Zonal V) 11 a 20 Festa de São Sebastião em Florânia (Zonal

Leia mais

CALENDÁRIO DE 2014 DAS ATIVIDADES PASTORAIS

CALENDÁRIO DE 2014 DAS ATIVIDADES PASTORAIS CALENDÁRIO DE 2014 DAS ATIVIDADES PASTORAIS Abreviações utilizadas: P Paróquia. RP Região Pastoral A Arquidiocese. N Nacional FEVEREIRO - 2014 01 Sb P Pastoral da Juventude Retiro Centro de Encontros Dom

Leia mais

PARÓQUIA SÃO JOSÉ - MATRIZ DE RIBEIRÃO PIRES CALENDÁRIO PAROQUIAL DE PASTORAL ANO 2014

PARÓQUIA SÃO JOSÉ - MATRIZ DE RIBEIRÃO PIRES CALENDÁRIO PAROQUIAL DE PASTORAL ANO 2014 PARÓQUIA SÃO JOSÉ - MATRIZ DE RIBEIRÃO PIRES CALENDÁRIO PAROQUIAL DE PASTORAL ANO 2014 Objetivo A partir das Diretrizes da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil e do 7º Plano Diocesano de Pastoral (2013-20150,

Leia mais

ESCOLA DE PASTORAL CATEQUÉTICA ESPAC

ESCOLA DE PASTORAL CATEQUÉTICA ESPAC ESCOLA DE PASTORAL CATEQUÉTICA ESPAC 1. ESPAC O QUE É? A ESPAC é uma Instituição da Arquidiocese de Fortaleza, criada em 1970, que oferece uma formação sistemática aos Agentes de Pastoral Catequética e

Leia mais

Calendário Paroquial 2015 Paróquia Santa Rita de Cássia Carapicuíba-SP

Calendário Paroquial 2015 Paróquia Santa Rita de Cássia Carapicuíba-SP Calendário Paroquial 2015 Paróquia Santa Rita de Cássia Carapicuíba-SP Janeiro 01 Q Solenidade Santa Maria, Mãe de Deus 02 S 03 S 15h00 Reunião de Coordenação da Catequese 04 D Solenidade Epifania do Senhor

Leia mais

3º Congresso Vocacional do Brasil

3º Congresso Vocacional do Brasil III CONGRESSO VOCACIONAL DO BRASIL Tema: Discípulos missionários a serviço das vocações Lema: Indaiatuba, Itaici, 03 a 07 de setembro de 2010 3º Congresso Vocacional do Brasil Dom Leonardo Ulrich Steiner

Leia mais

CRIANÇAS AJUDAM E EVANGELIZAM CRIANÇAS

CRIANÇAS AJUDAM E EVANGELIZAM CRIANÇAS CRIANÇAS AJUDAM E EVANGELIZAM CRIANÇAS Infância/Adolescencia MISSÃO MISSÃO. Palavra muito usada entre nós É encargo, incumbência Missão é todo apostolado da Igreja. Tudo o que a Igreja faz e qualquer campo.

Leia mais

Quinta. Quarta. Terça. Quinta. Quarta. Terça EVENTO. Moção de apoio ao processo de Beatificação de Dra. Zilda

Quinta. Quarta. Terça. Quinta. Quarta. Terça EVENTO. Moção de apoio ao processo de Beatificação de Dra. Zilda Janeiro 0 a Festa do Bom Jesus dos Aflitos 0 a Moção de apoio ao processo de Beatificação de Dra. Zilda Curitiba PR a Festa de São Sebastião e Terra Nova Reunião com coordenadores paroquiais dos coroinhas

Leia mais

CALENDÁRIO 2015 - Eventos Arquidiocesanos JANEIRO

CALENDÁRIO 2015 - Eventos Arquidiocesanos JANEIRO CALENDÁRIO 2015 - Eventos Arquidiocesanos JANEIRO 01 - SOLENIDADE DO SENHOR BOM JESUS DE CUIABÁ, PADROEIRO DA ARQUIDIOCESE. 16-1 Vigília Preparação MicareCristo e Vinde e Vede, Setor Juventude, Paróquia

Leia mais

Mococa. Tambaú São José do Rio Pardo Divinolândia. Itobi. Vargem Grande do Sul. Mogi Guaçu

Mococa. Tambaú São José do Rio Pardo Divinolândia. Itobi. Vargem Grande do Sul. Mogi Guaçu Mococa Tapiratiba Tambaú São José do Rio Pardo Divinolândia Caconde Santa Cruz das Palmeiras Casa Branca Aguaí Itobi Vargem Grande do Sul São Sebastião da Grama São João da Águas da Prata Mogi Estiva Gerbi

Leia mais

Confira a programação completa da Semana Santa em algumas paróquias de Curitiba:

Confira a programação completa da Semana Santa em algumas paróquias de Curitiba: PROGRAMAÇÃO SEMANA SANTA NA ARQUIDIOCESE DE CURITIBA Organizada pela Arquidiocese de Curitiba, a Semana Santa terá início na quinta-feira, às 9 horas, com a Missa com Sagração dos Santo Óleos e Renovação

Leia mais

VISITA PASTORAL NA ARQUIDIOCESE DE MARIANA

VISITA PASTORAL NA ARQUIDIOCESE DE MARIANA VISITA PASTORAL NA ARQUIDIOCESE DE MARIANA A Vista Pastoral constitui-se em momento privilegiado de contato do Arcebispo com o povo santo de Deus, confiado aos seus cuidados de pastor, com a preciosa colaboração

Leia mais

CURSO PARA CAPACITAÇÃO DE LIDERANÇA E COORDENADORES DE GRUPOS JOVENS

CURSO PARA CAPACITAÇÃO DE LIDERANÇA E COORDENADORES DE GRUPOS JOVENS CURSO PARA CAPACITAÇÃO DE LIDERANÇA E COORDENADORES DE GRUPOS JOVENS Apresentação A JUVENTUDE MERECE ATENÇÃO ESPECIAL A Igreja Católica no Brasil diz que é preciso: Evangelizar, a partir de Jesus Cristo,

Leia mais

23 MECEs Encontro Formativo. Foranias: Noroeste, Sul, Oeste e Rural Paróquia Nossa Senhora de Fátima 7h30 24 a 28 EDAP Bíblia Cúria 19h 25 Liturgia:

23 MECEs Encontro Formativo. Foranias: Noroeste, Sul, Oeste e Rural Paróquia Nossa Senhora de Fátima 7h30 24 a 28 EDAP Bíblia Cúria 19h 25 Liturgia: Janeiro 01 Santa Maria Mãe de Deus 05 Epifania do Senhor 08 Reunião da coordenação da Escola Arquidiocesana de Liturgia 19h30 Cúria 07 a 11 13º Intereclesial de CEB s Juazeiro do Norte (CE) 19 Aniversário

Leia mais

REUNIÃO DE LIDERANÇAS

REUNIÃO DE LIDERANÇAS REUNIÃO DE LIDERANÇAS 08/02/2015 PAUTA: 1) Oração Inicial 2) Abertura 3) Apresentação de 03 dimensões de Ação Pastoral para o ano de 2015 4) Plenária / Definições 5) Oração Final 6) Retirada de Materiais

Leia mais

Repasse da 76a. Assembléia da CNBB Sul I Aparecida de 10 a 12/06/2013

Repasse da 76a. Assembléia da CNBB Sul I Aparecida de 10 a 12/06/2013 Repasse da 76a. Assembléia da CNBB Sul I Aparecida de 10 a 12/06/2013 1. Finalidade do Ano da Fé; 2. O que é a Fé; 3. A transmissão da Fé enquanto professada, celebrada, vivida e rezada; 4. O conteúdo

Leia mais

APRESENTAÇÃO. Ser Igreja de Comunhão e Participação!

APRESENTAÇÃO. Ser Igreja de Comunhão e Participação! APRESENTAÇÃO Os Bispos aprovaram, recentemente, as Diretrizes da Ação Evangelizadoras da Igreja do Brasil 2011 2015 e a Arquidiocese de Florianópolis em comunhão com estas quer impulsionar todas as paróquias

Leia mais

CALENDÁRIO MENSAL DAS ATIVIDADES PASTORAIS

CALENDÁRIO MENSAL DAS ATIVIDADES PASTORAIS Abreviações utilizadas: P Paróquia. RP Região Pastoral A Arquidiocese. N Nacional CALENDÁRIO MENSAL DAS ATIVIDADES PASTORAIS FEVEREIRO 01 Dm P Catequese Formação para novos catequistas Auditório 01 Dm

Leia mais

CALENDÁRIO 2013 ATIVIDADES REGIONAIS. FEVEREIRO 01 a 28 CNBB Regional JMJ Peregrinação da Cruz Peregrina Nas dioceses 02

CALENDÁRIO 2013 ATIVIDADES REGIONAIS. FEVEREIRO 01 a 28 CNBB Regional JMJ Peregrinação da Cruz Peregrina Nas dioceses 02 CALENDÁRIO 2013 ATIVIDADES REGIONAIS DATA REALIZAÇÃO EVENTO LOCAL FEVEREIRO 01 a 28 CNBB Regional JMJ Peregrinação da Cruz Peregrina Nas dioceses 02 CNLB Conselho Nacional do Laicato do Reunião da Presidência

Leia mais

CALENDÁRIO 2014 DIOCESE DE LIMEIRA / SP. JANEIRO Horário Local Atividade

CALENDÁRIO 2014 DIOCESE DE LIMEIRA / SP. JANEIRO Horário Local Atividade DIOCESE DE LIMEIRA / SP NOVA PARÓQUIA: UMA FONTE DE ÁGUA VIVA CALENDÁRIO a 0 a e e a e 9 e 9 9 CALENDÁRIO h Juazeiro do Norte/CE São Paulo JANEIRO h00 0 0h 0 Emaús Aparecida - SP -Norte Artur Nogueira

Leia mais

Apresentação. Caríssimos Paroquianos:

Apresentação. Caríssimos Paroquianos: Apresentação Caríssimos Paroquianos: Temos em mãos o Calendário de Atividades que dizem respeito à Ação Evangelizadora da Paróquia Santo Antônio Capuchinhos. Dentro do projeto evangelizador, priorizamos

Leia mais

QUARESMA TEMPO DE REFLEXÃO E AÇÃO

QUARESMA TEMPO DE REFLEXÃO E AÇÃO QUARESMA TEMPO DE REFLEXÃO E AÇÃO Disponível em: www.seminariomaiordebrasilia.com.br Acesso em 13/03/2014 A palavra Quaresma surge no século IV e tem um significado profundo e simbólico para os cristãos

Leia mais

Nº 03 - Setembro/2007

Nº 03 - Setembro/2007 Nº 03 - Setembro/2007 Setembro - Mês da Bíblia Deus viu quanto havia feito e era muito bom Gn 1,31. Por que a Igreja coloca o mês de setembro como Mês da Bíblia, se todos os dias do Ano devem ser Bíblicos?

Leia mais

CELEBRAÇÃO PARA O DIA DO CATEQUISTA 2014

CELEBRAÇÃO PARA O DIA DO CATEQUISTA 2014 CELEBRAÇÃO PARA O DIA DO CATEQUISTA 2014 NO CAMINHO DO DISCIPULADO MISSIONÁRIO, A EXPERIÊNCIA DO ENCONCONTRO: TU ÉS O MESSIAS, O FILHO DO DEUS VIVO INTRODUÇÃO Queridos/as Catequistas! Com nossos cumprimentos

Leia mais

COMUNIDADE DE COMUNIDADES: UMA NOVA PARÓQUIA. Estudo 104 CNBB

COMUNIDADE DE COMUNIDADES: UMA NOVA PARÓQUIA. Estudo 104 CNBB COMUNIDADE DE COMUNIDADES: UMA NOVA PARÓQUIA Estudo 104 CNBB ASPECTOS GERAIS DO DOCUMENTO PERSPECTIVAS PASTORAIS TEXTOS BASES DESAFIOS FUNÇÕES DA PARÓQUIA PERSPECTIVA TEOLÓGICA MÍSTICA DO DOCUMENTO PERSPECTIVA

Leia mais

PARÓQUIA N. SRA. DA CONCEIÇÃO DE RIO BONITO AGENDA PAROQUIAL 2015 JANEIRO/15

PARÓQUIA N. SRA. DA CONCEIÇÃO DE RIO BONITO AGENDA PAROQUIAL 2015 JANEIRO/15 PARÓQUIA N. SRA. DA CONCEIÇÃO DE RIO BONITO AGENDA PAROQUIAL 2015 JANEIRO/15 03/01 Evangelização na Praça da Matriz I Escola de Missão Espírito Santo - a partir das 09 horas 04/01 Experiência Missionária

Leia mais

CALENDÁRIO PAROQUIAL DAS ATIVIDADES 2015. Aviso nas celebrações do Início das Inscrições da Catequese de Primeira Eucaristia

CALENDÁRIO PAROQUIAL DAS ATIVIDADES 2015. Aviso nas celebrações do Início das Inscrições da Catequese de Primeira Eucaristia CALENDÁRIO PAROQUIAL DAS ATIVIDADES 2015 JANEIRO/ 2015 Aviso nas celebrações do Início das Inscrições da Catequese de Primeira Eucaristia Dia 01 quinta-feira Solenidade de Maria, Santa Mãe de Deus Dia

Leia mais

ARQUIDIOCESE DE CUIABÁ

ARQUIDIOCESE DE CUIABÁ ARQUIDIOCESE DE CUIABÁ Calendário Arquidiocesano De Pastoral 2016 Jubileu Extraordinário da Misericórdia Sumo Pontífice SUA SANTIDADE O PAPA FRANCISCO Arcebispo Metropolitano de Cuiabá-MT Dom Milton Antônio

Leia mais

SEMANA DE FORMAÇÃO TEOLÓGICA PARÓQUIA SANTO ANTONIO Itapira SP

SEMANA DE FORMAÇÃO TEOLÓGICA PARÓQUIA SANTO ANTONIO Itapira SP SEMANA DE FORMAÇÃO TEOLÓGICA PARÓQUIA SANTO ANTONIO Itapira SP CREIO (N)A SANTA IGREJA CATÓLICA I CRER DE MODO ECLESIAL NO CONTEÚDO DA FÉ CRISTÃ. A PROFISSÃO DE FÉ DA IGREJA A FÉ BATISMAL A PROFISSÃO DE

Leia mais

Arquidiocese de Fortaleza

Arquidiocese de Fortaleza Acarape - CE 1. Paróquia São João Batista (Acarape) Rua Maria Joana de Carvalho, 175 62785-000 Acarape - CE Tel.: (85) 3373-1387 Aquiraz - CE 2. Paróquia São José de Ribamar (Aquiraz) Rua Capitão Mor,

Leia mais

MÊS DIA DIA DA SEMANA HORA ATIVIDADE ABRIL 24 SEXTA-FEIRA 20h00 Missa - Pastorais, Cordenadores, Catequistas e Ministros - Matriz

MÊS DIA DIA DA SEMANA HORA ATIVIDADE ABRIL 24 SEXTA-FEIRA 20h00 Missa - Pastorais, Cordenadores, Catequistas e Ministros - Matriz MÊS DIA DIA DA SEMANA HORA ATIVIDADE ABRIL 24 SEXTA-FEIRA Missa - Pastorais, Cordenadores, Catequistas e Ministros - Matriz ABRIL 25 SÁBADO ABRIL 26 DOMINGO 9h00 Encontro de Oração - Todos os Ministros

Leia mais

Caderno de Estudo: Avaliação 2013) Equipe Dinamizadora do 7º PPO Arquidiocese de Campinas - SP

Caderno de Estudo: Avaliação 2013) Equipe Dinamizadora do 7º PPO Arquidiocese de Campinas - SP Caderno de Estudo: Avaliação 7º Plano de Pastoral Orgânica (20102010-2013) 2013) Equipe Dinamizadora do 7º PPO Arquidiocese de Campinas - SP A p r e s e n t a ç ã o Eu vim, ó Deus, para fazer a Vossa

Leia mais

Diocese de Amparo - SP

Diocese de Amparo - SP Formação sobre o documento da V Conferência do Episcopado da América Latina e do Caribe Diocese de Amparo - SP INTRODUÇÃO De 13 a 31 de maio de 2007, celebrou-se em Aparecida, Brasil, a V Conferência Geral

Leia mais

A iniciação cristã como pedagogia de vida comunitária

A iniciação cristã como pedagogia de vida comunitária A iniciação cristã como pedagogia de vida comunitária A evangelização nos dá a alegria do encontro com a Boa Nova da Ressurreição de Cristo. A maioria das pessoas procura angustiada a razão de sua vida

Leia mais

Bispo Sr. Dr. Gebhard Fürst. O ESPÍRITO É VIVIFICADOR Desenvolver a Igreja em muitos lugares

Bispo Sr. Dr. Gebhard Fürst. O ESPÍRITO É VIVIFICADOR Desenvolver a Igreja em muitos lugares Bispo Sr. Dr. Gebhard Fürst O ESPÍRITO É VIVIFICADOR Desenvolver a Igreja em muitos lugares Carta Pastoral dirigida às igrejas da diocese de Rotemburgo-Estugarda na Quaresma Pascal de 2015 Bispo Sr. Dr.

Leia mais

DIRETÓRIO DO DIACONADO PERMANENTE NA ARQUIDIOCESE DE FORTALEZA

DIRETÓRIO DO DIACONADO PERMANENTE NA ARQUIDIOCESE DE FORTALEZA DIRETÓRIO DO DIACONADO PERMANENTE NA ARQUIDIOCESE DE FORTALEZA 1 1. NATUREZA DO DIACONADO PERMANENTE 1.1. No contexto da ministerialidade da Igreja, e mais especificamente, no âmbito do ministério ordenado,

Leia mais

O RITUAL DE INICIAÇÃO CRISTÃ DE ADULTOS: UM INSTRUMENTO PARA A TRANSMISSÃO DA FÉ

O RITUAL DE INICIAÇÃO CRISTÃ DE ADULTOS: UM INSTRUMENTO PARA A TRANSMISSÃO DA FÉ O RITUAL DE INICIAÇÃO CRISTÃ DE ADULTOS: UM INSTRUMENTO PARA A TRANSMISSÃO DA FÉ Pe. Thiago Henrique Monteiro Muito adultos convertem-se a Cristo e à Igreja Católica. Por exemplo, neste ano, nas dioceses

Leia mais

Plano Diocesano da Animação Bíblico-Catequética

Plano Diocesano da Animação Bíblico-Catequética Plano Diocesano da Animação Bíblico-Catequética 2 0 1 2-2 0 1 5 DIOCESE DE FREDERICO WESTPHALEN - RS Queridos irmãos e irmãs, Com imensa alegria, apresento-lhes o PLANO DIOCESANO DE ANIMAÇÃO BÍBLICO -

Leia mais

SUGESTÃO PARA A REALIZAÇÃO DA ASSEMBLEIA PAROQUIAL ORAÇÃO INICIAL

SUGESTÃO PARA A REALIZAÇÃO DA ASSEMBLEIA PAROQUIAL ORAÇÃO INICIAL SUGESTÃO PARA A REALIZAÇÃO DA ASSEMBLEIA PAROQUIAL ORAÇÃO INICIAL 1 Ivocação ao Espirito Santo (oração ou canto) 2- Súplica inicial. (Em 2 coros: H- homens; M- mulheres) H - Procuramos para a Igreja/ cristãos

Leia mais

ANIMAÇÃO LITÚRGICA INFORMATIVO DIOCESANO

ANIMAÇÃO LITÚRGICA INFORMATIVO DIOCESANO N O M E D A E M P R E S A INFORMATIVO DIOCESANO S E T E M B R O D E 2 0 1 3 B O L E T I M D O C L E R O - 2 3 1 ª E D I Ç Ã O ANIMAÇÃO LITÚRGICA Cuidar da beleza da liturgia significa ficar atento aos

Leia mais

Calendário Paróquia São Mateus 2015 - Arquidiocese de Brasília

Calendário Paróquia São Mateus 2015 - Arquidiocese de Brasília Calendário Paróquia São Mateus 2015 - Arquidiocese de Brasília JANEIRO COM MARIA CONSTRUIR A PAZ Dia Dia da Semana 01 Quinta SOLENIDADE DA SANTA MARIA, MÃE DE DEUS. 04 Domingo SOLENIDADE DA EPIFANIA DO

Leia mais

Os Sacramentos estão presentes em cada fase da vida do Cristão

Os Sacramentos estão presentes em cada fase da vida do Cristão Os Sacramentos estão presentes em cada fase da vida do Cristão A vida litúrgica começa muito cedo. Os Sacramentos são conhecidos como encontros pessoais com Cristo. Também são vistos como sinais da salvação.

Leia mais

Paróquia, torna-te o que tu és!

Paróquia, torna-te o que tu és! Paróquia, torna-te o que tu és! Dom Milton Kenan Júnior Bispo Aux. de S. Paulo. Vigário Episcopal para Reg. Brasilândia Numa leitura rápida da Carta Pastoral de Dom Odilo, nosso Cardeal Arcebispo, à Arquidiocese

Leia mais

Agenda Pastoral 2016

Agenda Pastoral 2016 Arquidiocese de Ribeirão Preto Agenda Pastoral 2016 Janeiro 03/01 - Domingo - Epifania do Senhor 09/01 - Sábado - Capacitação para Agentes da CFE-2016 - Seminário - Brodowski 10/01 - Domingo - Batismo

Leia mais

1. O 11º PPC terá a validade de cinco anos, iniciando-se em 2012 e terminando em 2016.

1. O 11º PPC terá a validade de cinco anos, iniciando-se em 2012 e terminando em 2016. 11º PPC ASSEMBLEIA ARQUIDIOCESANA Estas são as questões que serão votadas na Assembléia Arquidiocesana, sem as emendas que poderão surgir durante a mesma. Cada uma das propostas poderá, deste modo, receber

Leia mais

Quarta-feira de Cinzas, 5 de março: celebrações na Arquidiocese de Belo Horizonte

Quarta-feira de Cinzas, 5 de março: celebrações na Arquidiocese de Belo Horizonte Assessoria de Comunicação e Marketing Quarta-feira de Cinzas, 5 de março: celebrações na Arquidiocese de Belo Horizonte O arcebispo metropolitano, dom Walmor Oliveira de Azevedo, preside Missa às 17h no

Leia mais

PASCOM. A PASCOM agradece a todos que colaboraram com esta edição do INFORMATIVO DA PENHA nos mandando fotos,

PASCOM. A PASCOM agradece a todos que colaboraram com esta edição do INFORMATIVO DA PENHA nos mandando fotos, PASCOM A PASCOM agradece a todos que colaboraram com esta edição do INFORMATIVO DA PENHA nos mandando fotos, t e x t o s e i d é i a s p a r a a s matérias! Nossa Senhora da Penha, que sabe o nome de cada

Leia mais

Prelazia de São Felix do Araguaia

Prelazia de São Felix do Araguaia Prelazia de São Felix do Araguaia Calendário 2015 JANEIRO 01 Quinta Solenidade Santa Mãe de Deus 02 Sexta 03 Sábado 04 Domingo Solenidade da Epifania do Senhor Todas as Comunidades 05 Segunda Escola de

Leia mais

DIRETRIZEZ GERAIS DA AÇÃO EVANGELIZADORA DA IGREJA NO BRASIL 2011-2015

DIRETRIZEZ GERAIS DA AÇÃO EVANGELIZADORA DA IGREJA NO BRASIL 2011-2015 CONFERÊNCIA NACIONAL DOS BISPOS DO BRASIL DIRETRIZEZ GERAIS DA AÇÃO EVANGELIZADORA DA IGREJA NO BRASIL 2011-2015 OBJETIVO GERAL Evangelizar A partir de Jesus Cristo e na força do Espírito Santo, como igreja

Leia mais

Comissão Episcopal Pastoral para a Comunicação. Projeto Paroquial da Pastoral da Comunicação

Comissão Episcopal Pastoral para a Comunicação. Projeto Paroquial da Pastoral da Comunicação Comissão Episcopal Pastoral para a Comunicação Projeto Paroquial da Pastoral da Comunicação 2 Barra do Choça, 11 de abril de 2015. 1. Contextualização O Projeto Nacional da Pastoral da Comunicação Pascom,

Leia mais

OS SACRAMENTOS. O que é um Sacramento?

OS SACRAMENTOS. O que é um Sacramento? OS SACRAMENTOS Os sacramentos da nova lei foram instituídos por Cristo e são sete, a saber: o Batismo, a Crisma ou Confirmação, a Eucaristia, a Penitência, a Unção dos Enfermos, a Ordem e o Matrimônio.

Leia mais

No Dia do Juízo, quando o Filho do Homem, na Sua glória, vier nos julgar, escreve o evangelista Mateus, Ele nos questionará sobre

No Dia do Juízo, quando o Filho do Homem, na Sua glória, vier nos julgar, escreve o evangelista Mateus, Ele nos questionará sobre Caridade e partilha Vivemos em nossa arquidiocese o Ano da Caridade. Neste tempo, dentro daquilo que programou o Plano de Pastoral, somos chamados a nos organizar melhor em nossos trabalhos de caridade

Leia mais

A grande refeição é aquela que fazemos em torno da Mesa da Eucaristia.

A grande refeição é aquela que fazemos em torno da Mesa da Eucaristia. EUCARISTIA GESTO DO AMOR DE DEUS Fazer memória é recordar fatos passados que animam o tempo presente em rumo a um futuro melhor. O povo de Deus sempre procurou recordar os grandes fatos do passado para

Leia mais

Paróquia Jesus, Maria e José Grupo de Oração Fonte de Misericórdia RCC/ Beberibe

Paróquia Jesus, Maria e José Grupo de Oração Fonte de Misericórdia RCC/ Beberibe Paróquia Jesus, Maria e José Grupo de Oração Fonte de Misericórdia RCC/ Beberibe Jovens sois forte a palavra de Deus permanece em vós. 1 Jo 2,14 O EVENTO: EMANUEL EMANUEL é o cumprimento da palavra que

Leia mais

CALENDARIO DE ATIVIDADES PAROQUIAIS SAGRADA FAMÍLIA - 2012

CALENDARIO DE ATIVIDADES PAROQUIAIS SAGRADA FAMÍLIA - 2012 FEVEREIRO 03 Missa do Apostolado da Oração 15h e Adoração das 16h às 18:45 04 Reunião com os Catequistas 14:30 horas 04 Curso de Batismo 19h às 21:30 horas 04 Noite do Cachorro Quente resp. Grupo de Jovens

Leia mais

Congregação dos Sagrados Estigmas de Nosso Senhor Jesus Cristo A INTEGRAÇÃO DA PASTORAL VOCACIONAL COM A CATEQUESE

Congregação dos Sagrados Estigmas de Nosso Senhor Jesus Cristo A INTEGRAÇÃO DA PASTORAL VOCACIONAL COM A CATEQUESE Congregação dos Sagrados Estigmas de Nosso Senhor Jesus Cristo 1 o Curso por Correspondência às Equipes Vocacionais Paroquiais SEXTO TEMA: A INTEGRAÇÃO DA PASTORAL VOCACIONAL COM A CATEQUESE E A PASTORAL

Leia mais

Encuentro sobre Mision Continental y Conversão Pastoral Buenos Aires Argentina 26 a 30 de outubro de 2009

Encuentro sobre Mision Continental y Conversão Pastoral Buenos Aires Argentina 26 a 30 de outubro de 2009 Encuentro sobre Mision Continental y Conversão Pastoral Buenos Aires Argentina 26 a 30 de outubro de 2009 Conversão Pastoral e Missão continental O Departamento Mission e espiritualidade do Celam na busca

Leia mais

CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO

CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO SOBRE NÓS FAZEI BRILHAR O ESPLENDOR DE VOSSA FACE! 3 º DOMINGO DA PÁSCOA- ANO B 22 DE ABRIL DE 2012 ANIM: (Saudações espontâneas)

Leia mais

COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA REUNIÃO DE PAIS E CATEQUISTAS 09 DE FEVEREIRO DE 2010

COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA REUNIÃO DE PAIS E CATEQUISTAS 09 DE FEVEREIRO DE 2010 COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA REUNIÃO DE PAIS E CATEQUISTAS 09 DE FEVEREIRO DE 2010 ORAÇÃO DE ABERTURA CANTO (REPOUSAR EM TI) Música de Tânia Pelegrino baseada na obra Confissões, de

Leia mais

CONFERÊNCIA NACIONAL DOS BISPOS DO BRASIL CNBB REGIONAL SUL 2 CALENDÁRIO 2015 - ATIVIDADES REGIONAIS

CONFERÊNCIA NACIONAL DOS BISPOS DO BRASIL CNBB REGIONAL SUL 2 CALENDÁRIO 2015 - ATIVIDADES REGIONAIS CONFERÊNCIA NACIONAL DOS BISPOS DO BRASIL CNBB REGIONAL SUL 2 CALENDÁRIO 2015 - ATIVIDADES REGIONAIS DATA REALIZAÇÃO EVENTO LOCAL JANEIRO 02 a 10 RENOVAÇÃO CARISMÁTICA CATÓLICA JESUS NO LITORAL MATINHOS

Leia mais

O mais importante na prática da devolução do dízimo não é com o quanto se participa. Mas como se participa.

O mais importante na prática da devolução do dízimo não é com o quanto se participa. Mas como se participa. Dízimo e a catequese Abril 2011 Silma Pontes silmapontes8@hotmail.com Paróquia da Glória - Acolhida O contingente de catequistas voluntários de nossa paróquia é expressivo. Vinte e quatro (24) fieis formadores,

Leia mais

PARÓQUIA SÃO JOSÉ MATRIZ DE RIBEIRÃO PIRES Diocese de Santo André

PARÓQUIA SÃO JOSÉ MATRIZ DE RIBEIRÃO PIRES Diocese de Santo André PARÓQUIA SÃO JOSÉ MATRIZ DE RIBEIRÃO PIRES Diocese de Santo André A força da evangelização virá a encontrar-se muito diminuída se aqueles que anunciam o Evangelho estiverem divididos entre si, por toda

Leia mais

Divulgação nos Boletins da Arquidiocese

Divulgação nos Boletins da Arquidiocese Divulgação nos Boletins da Arquidiocese Convidamos todas as paróquias, pastorais e lideranças a enviarem comunicados sobre festas, encontros, palestras e demais eventos, para divulgarmos em nosso Boletim

Leia mais

Diocese de Aveiro IGREJA DIOCESANA RENOVADA NA CARIDADE É ESPERANÇA NO MUNDO

Diocese de Aveiro IGREJA DIOCESANA RENOVADA NA CARIDADE É ESPERANÇA NO MUNDO Diocese de Aveiro IGREJA DIOCESANA RENOVADA NA CARIDADE É ESPERANÇA NO MUNDO Plano Diocesano de Pastoral para o quinquénio 2008-2013 A PALAVRA DO SR. BISPO PONTO DE PARTIDA 1. INICIAMOS UMA NOVA PERSPECTIVA

Leia mais

Plano Pedagógico do Catecismo 6

Plano Pedagógico do Catecismo 6 Plano Pedagógico do Catecismo 6 Cat Objetivos Experiência Humana Palavra Expressão de Fé Compromisso PLANIFICAÇÃO de ATIVIDADES BLOCO I JESUS, O FILHO DE DEUS QUE VEIO AO NOSSO ENCONTRO 1 Ligar a temática

Leia mais

Informativo da Congregação Pobres Servos da Divina Providência Delegação Nossa Senhora Aparecida. Permanece conosco

Informativo da Congregação Pobres Servos da Divina Providência Delegação Nossa Senhora Aparecida. Permanece conosco Notícias de Família Informativo da Congregação Pobres Servos da Divina Providência Delegação Nossa Senhora Aparecida 06 JUNHO 2014 Permanece conosco Vivemos dias de graça, verdadeiro Kairós com a Celebração

Leia mais

Doação! Natal Ecumênico

Doação! Natal Ecumênico Doação! As Irmãs Apóstolas do Sagrado Coração de Jesus, presentes no Brasil desde o ano 1900, estão solicitando doações de livros (novos ou usados) de literatura infantil, juvenil e de formação para as

Leia mais

Catecumenato Uma Experiência de Fé

Catecumenato Uma Experiência de Fé Catecumenato Uma Experiência de Fé APRESENTAÇÃO PARA A 45ª ASSEMBLÉIA DA CNBB (Regional Nordeste 2) www.catecumenato.com O que é Catecumenato? Catecumenato foi um método catequético da igreja dos primeiros

Leia mais

OS DESAFIOS DACOMUNICAÇÃO

OS DESAFIOS DACOMUNICAÇÃO OS DESAFIOS DACOMUNICAÇÃO A contribuição das mídias. Como parte constitutiva da atual ambiência comunicacional, elas tornam-se recursos e ambientes para o crescimento pessoal e social. Constituem-se no

Leia mais

PARÓQUIA NOSSA SENHORA DO MONTE SERRATE DIOCESE DE OSASCO. Janeiro

PARÓQUIA NOSSA SENHORA DO MONTE SERRATE DIOCESE DE OSASCO. Janeiro Janeiro 1 S Solenidade de Santa Maria Mãe de Deus 2 D Epifania do Senhor 3 S 4 T 5 Q 6 Q 7 S 8 S Missa em louvor a nossa Senhora do Monte Serrate 19:30h Matriz 9 D Batismo de Nosso Senhor Jesus Cristo

Leia mais

CALENDÁRIO ARQUIDIOCESANO 2012

CALENDÁRIO ARQUIDIOCESANO 2012 CALENDÁRIO ARQUIDIOCESANO 2012 JANEIRO/2012-ANO B- SÃO MARCOS 1 Domingo Festa do Padroeiro da Arquidiocese: Senhor Bom Jesus de Cuiabá Catedral Procissão: Catedral Sta. Maria Mãe de Deus 2 segunda-feira

Leia mais

A Bíblia é para nós, cristãos, o ponto de referência de nossa fé, uma luz na caminhada de nossa vida.

A Bíblia é para nós, cristãos, o ponto de referência de nossa fé, uma luz na caminhada de nossa vida. LITURGIA DA PALAVRA A Palavra de Deus proclamada e celebrada - na Missa - nas Celebrações dos Sacramentos (Batismo, Crisma, Matrimônio...) A Bíblia é para nós, cristãos, o ponto de referência de nossa

Leia mais

A GEMINAÇÃO 20/10/2013

A GEMINAÇÃO 20/10/2013 A GEMINAÇÃO 20/10/2013 CENTRO DE SANTA BAKHITA BAIRRO KALOSSOMBEKWA BENGUELA ANGOLA REVERENDO E ESTIMADO PE. RÚBENS! Diante dos povos, manifestou Deus a salvação Sl 97 A Providência de Deus, que concorre

Leia mais

PLANO DIOCESANO DE PASTORAL 2015 2018 IGREJA DE AVEIRO, VIVE A ALEGRIA DA MISERICÓRDIA

PLANO DIOCESANO DE PASTORAL 2015 2018 IGREJA DE AVEIRO, VIVE A ALEGRIA DA MISERICÓRDIA IGREJA DE AVEIRO, VIVE A ALEGRIA DA MISERICÓRDIA O nosso Plano alicerça-se no símbolo do lava-pés (Jo 13, 11-17) O LAVA-PÉS Nele se inspira a espiritualidade de serviço que dá sen do a toda a ação pastoral

Leia mais

CALENDÁRIO DE ATIVIDADES PASTORAIS 2015

CALENDÁRIO DE ATIVIDADES PASTORAIS 2015 CALENDÁRIO DE ATIVIDADES PASTORAIS 2015 1- Confraternização Universal JANEIRO 4 a 16 IRPAC Casa de Retiros São José 13 Reunião do Fórum das 18 a 25 Encontro Nacional da Manaus - AM Pastoral da Juventude

Leia mais

INFORMATIVO DIOCESANO 24 a 30 de novembro Ano 2014 n.º 57 www.diocesesjp.org.br / aed@diocesesjp.org.br

INFORMATIVO DIOCESANO 24 a 30 de novembro Ano 2014 n.º 57 www.diocesesjp.org.br / aed@diocesesjp.org.br ANO DA PAZ TERÁ INÍCIO NO DIA 30 A paz é fruto da justiça. É importante superarmos as diferenças sociais em nosso país, disse o arcebispo de Aparecida (SP) e presidente da Conferência Nacional dos Bispos

Leia mais

Paróquia Missa Confissão

Paróquia Missa Confissão Paróquia Missa Confissão Beato Allamano Samambaia Sul - Quarta à sexta 19h - Sábado 17h - Terça, quinta e sexta 15h30 às 18h - Sábado 10h às 12h Bom Jesus - Terça à sexta 18h30 - Domingo 8h30 e 18h -Sexta

Leia mais

Igreja "em saída" missionária

Igreja em saída missionária Mês das Missões O mês de outubro é, para a Igreja, o período no qual são intensificadas as iniciativas de animação e cooperação em prol das Missões em todo o mundo. O objetivo é sensibilizar, despertar

Leia mais

BIÊNIO 2012-2013. Tema Geral da Igreja Metodista "IGREJA: COMUNIDADE MISSIONÁRIA A SERVIÇO DO POVO ESPALHANDO A SANTIDADE BÍBLICA. Tema para o Biênio

BIÊNIO 2012-2013. Tema Geral da Igreja Metodista IGREJA: COMUNIDADE MISSIONÁRIA A SERVIÇO DO POVO ESPALHANDO A SANTIDADE BÍBLICA. Tema para o Biênio 1 IGREJA METODISTA PASTORAL IMED PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO E PLANO DE AÇÃO BIÊNIO 2012-2013 Tema Geral da Igreja Metodista "IGREJA: COMUNIDADE MISSIONÁRIA A SERVIÇO DO POVO ESPALHANDO A SANTIDADE BÍBLICA

Leia mais

Prof. Ms. Pe. Antônio Almir Magalhães de Oliveira*

Prof. Ms. Pe. Antônio Almir Magalhães de Oliveira* FACULDADE CATÓLICA DE FORATLEZA (SEMINÁRIO DA PRAINHA) X SEMANA TEOLÓGICA 15 a 18 setembro 2009 LEITURA TEOLÓGICO-PASTORAL DO PAINEL APRESENTADO A situação atual da catequese no Brasil e no Ceará Prof.

Leia mais

TOMADA DE POSSE DO NOVO PÁROCO - CELEBRAÇÃO (cf. Cerimonial dos Bispos, nn. 1185-1198) DIOCESE DE CRUZEIRO DO SUL AC/AM

TOMADA DE POSSE DO NOVO PÁROCO - CELEBRAÇÃO (cf. Cerimonial dos Bispos, nn. 1185-1198) DIOCESE DE CRUZEIRO DO SUL AC/AM Página 1 TOMADA DE POSSE DO NOVO PÁROCO - CELEBRAÇÃO (cf. Cerimonial dos Bispos, nn. 1185-1198) DIOCESE DE CRUZEIRO DO SUL AC/AM 01. Canto de Entrada 02. Saudação inicial do celebrante presidente 03. Leitura

Leia mais

ARQUIDIOCESE DE OLINDA E RECIFE CÚRIA METROPOLITANA

ARQUIDIOCESE DE OLINDA E RECIFE CÚRIA METROPOLITANA COMUNICADO Prot. GAM-C-281/2015 Referência: Nomeações e transferências Na vida da Igreja, é comum que os ministros do Evangelho, sendo fiéis ao mandato missionário, sejam enviados para servir ao povo de

Leia mais

CALENDÁRIO DE ATIVIDADES PASTORAIS 2016

CALENDÁRIO DE ATIVIDADES PASTORAIS 2016 CALENDÁRIO DE ATIVIDADES PASTORAIS 2016 1- Confraternização Universal JANEIRO 4 a 16 IRPAC Casa de Retiros São José Belo Horizonte - MG 25 Reunião com coordenador nacional da Pastoral da Saúde 25 a 29

Leia mais

Mensagem aos Fiéis Paroquianos

Mensagem aos Fiéis Paroquianos Mensagem aos Fiéis Paroquianos O ano já está terminando! Ao olhar para trás, quantas coisas realizamos. Ao olhar para frente, quantas oportunidades se aproximam a favor da evangelização do nosso povo.

Leia mais

DIRECTÓRIO GERAL DA CATEQUESE - SDCIA/ISCRA -2 Oração inicial Cântico - O Espírito do Senhor está sobre mim; Ele me enviou para anunciar aos pobres o Evangelho do Reino! Textos - Mc.16,15; Mt.28,19-20;

Leia mais

O QUE É O PROJETO NATAL MISSIONÁRIO?

O QUE É O PROJETO NATAL MISSIONÁRIO? INTRODUÇÃO Como continuidade ao Projeto das Semanas Missionárias, Deus suscitou este novo projeto que envolverá não apenas ao movimento da Renovação Carismática Católica, mas a toda a Igreja Católica Apostólica

Leia mais

Setembro Mês da Bíblia

Setembro Mês da Bíblia Setembro Mês da Bíblia Discípulos missionários a partir do Evangelho de João Permanecei no Meu amor, para produzir muitos frutos (Cf. Jo 15, 9-16) Retiro Espiritual Arquidiocesano AO Pe. Vânio da Silva.

Leia mais

Congregação dos Missionários de São Francisco de Sales

Congregação dos Missionários de São Francisco de Sales Congregação dos Missionários de São Francisco de Sales Província do Brasil Pe. Tomson Michael Aerathedathu (Provincial) Casa da formação São Francisco de Sales Rua João Antônio Prosdócimo, 364 Uberaba

Leia mais

DOM JOSÉ LUIZ GOMES DE VASCONCELOS. Bispo auxiliar de Fortaleza- CE

DOM JOSÉ LUIZ GOMES DE VASCONCELOS. Bispo auxiliar de Fortaleza- CE DOM JOSÉ LUIZ GOMES DE VASCONCELOS Bispo auxiliar de Fortaleza- CE 1 Exmo. Sr. Arcebispo Metropolitano de Fortaleza, Dom Jose Antônio Aparecido Tosi Marques; excelentíssimo Arcebispo de Belo Horizonte

Leia mais

Celebrar e viver o Concílio Vaticano II

Celebrar e viver o Concílio Vaticano II Celebrar e viver o Concílio Vaticano II Nota Pastoral da Conferência Episcopal Portuguesa Celebrar os 50 anos da abertura do Concílio no Ano da Fé 1. Na Carta apostólica A Porta da Fé, assim se exprime

Leia mais

3º EIXO Dízimo TOTAL DIOCESE 943 579 61,3%

3º EIXO Dízimo TOTAL DIOCESE 943 579 61,3% 3º EIXO Dízimo Paróquia/Questionários Distribuídos Devolvidos % Devolv. Miguel Calmon 67 27 40 Piritiba 45 06 13 Tapiramutá 30 19 63 Mundo Novo 20 12 60 Jequitibá 14 10 71 Totais zonal 2 176 74 42% Andaraí

Leia mais

INFORMATIVO DIOCESANO 27 de outubro a 02 de novembro Ano 2014 n.º 53 www.diocesesjp.org.br / aed@diocesesjp.org.br

INFORMATIVO DIOCESANO 27 de outubro a 02 de novembro Ano 2014 n.º 53 www.diocesesjp.org.br / aed@diocesesjp.org.br VOCAÇÃO À SANTIDADE Na vida íntima de Deus-Trindade as suas relações são pautadas pelo amor e doação de cada uma das Pessoas: o Pai ama o Filho, que recebe esse amor e retribui ao Pai e assim procede o

Leia mais

Jo 1,35-42 Jo 1,43-51 Mc 1,6b-11 12. Jo 1,29-34. Mc 1,21-28 Mc 1,29-30 Mc 1,40-45. Mc 1,14-20. Mc 2,18-22. Mc 2,23-28 Mc 3,1-6 Mc 3,7-12 27

Jo 1,35-42 Jo 1,43-51 Mc 1,6b-11 12. Jo 1,29-34. Mc 1,21-28 Mc 1,29-30 Mc 1,40-45. Mc 1,14-20. Mc 2,18-22. Mc 2,23-28 Mc 3,1-6 Mc 3,7-12 27 2011 03 10 17 24 Jo 1,29-34 Mc 1,14-20 Mc 2,18-22 04 11 18 25 05 06 Jo 1,35-42 Jo 1,43-51 Mc 1,6b-11 12 19 26 13 Mc 1,21-28 Mc 1,29-30 Mc 1,40-45 Mc 3,22-30 Mc 16,15-18 Mc 4,1-20 Mc 4,21-25 20 Mc 2,23-28

Leia mais

ESCOPO GERAL. - Resultado da 52ª Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) -Aparecida/SP30deabrila9de maio de 2014.

ESCOPO GERAL. - Resultado da 52ª Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) -Aparecida/SP30deabrila9de maio de 2014. ESCOPO GERAL - Resultado da 52ª Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) -Aparecida/SP30deabrila9de maio de 2014. - Composição: 1) Apresentação de Dom Leonardo Steiner. 2) Introdução.

Leia mais

Ata do Lançamento do Ano Pastoral FAMÍLIA SALESIANA 2015/2016

Ata do Lançamento do Ano Pastoral FAMÍLIA SALESIANA 2015/2016 Ata do Lançamento do Ano Pastoral FAMÍLIA SALESIANA 2015/2016 Aos dezanove dias do mês de Setembro de dois mil e quinze realizou-se em Fátima, na Casa Nossa Senhora do Carmo, o encontro de apresentação

Leia mais

SOLENIDADE DE SANTA MARIA MÃE DE DEUS - DIA MUNDIAL DA PAZ SOLENIDADE DA EPIFANIA DO SENHOR

SOLENIDADE DE SANTA MARIA MÃE DE DEUS - DIA MUNDIAL DA PAZ SOLENIDADE DA EPIFANIA DO SENHOR DIA HORA 07 SEX 08 SOLENIDADE DE SANTA MARIA MÃE DE DEUS DIA MUNDIAL DA PAZ SOLENIDADE DA EPIFANIA DO SENHOR 10 FESTA DO BATISMO DO SENHOR FIM DO RECESSO DO CATECUMENATO 11 SEG ADORAÇÃO AO SANTÍSSIMO RCC

Leia mais