nº 678 correio do SENAC NOVEMBRO/DEZEMBRO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "nº 678 correio do SENAC NOVEMBRO/DEZEMBRO 2006 1"

Transcrição

1 nº 678 correio do SENAC NOVEMBRO/DEZEMBRO

2 2 NOVEMBRO/DEZEMBRO 2006 correio do SENAC nº 678

3 Editorial ESTA EDIÇÃO DO CORREIO DO SENAC FINALIZA UM ANO MUITO ESPECIAL NA TRAJETÓRIA DA INSTITUIÇÃO, QUE EM 2006 COMPLETOU SEIS DÉCADAS DE TOTAL DEDICAÇÃO À EDUCAÇÃO PROFISSIONAL NO BRASIL E À PRODUÇÃO DE CONHECIMENTO PARA O SETOR DO COMÉRCIO DE BENS, SERVIÇOS E TURISMO DO PAÍS. DESTAQUE POR TODO O BRASIL CORREIO DO CORREIO Para comemorar, foram desenvolvidas diversas programações em todo o Brasil, com destaque para uma ação especial que já faz parte da tradição do Senac: o Concurso Nacional de Alunos de Cozinha. Com emoção e requinte, a etapa final do evento, que ocorreu em outubro, em Salvador, brilhantemente conduzida pelo Departamento Regional da Bahia, coroou todos os esforços do Sistema Senac para festejar 60 anos de muitas histórias de vida e de contribuição para o crescimento pessoal e profissional dos trabalhadores brasileiros. A matéria de capa traz um resumo da grandiosidade do concurso e, principalmente, da importância que um evento desse porte tem para a formação de profissionais de ponta e para a gastronomia nacional. VISÃO 12 GENTE SENAC 14 INTEGRAÇÃO COM A PALAVRA Aproveitamos para desejar Boas Festas e um 2007 repleto de sucesso a todos os empregados, instrutores, colaboradores e fornecedores que fazem do Senac uma instituição que se orgulha de, cada vez mais, abrir portas e caminhos para o mundo do trabalho. Sidney Cunha DIRETOR-GERAL DO SENAC NACIONAL EXPEDIENTE Órgão oficial de divulgação do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) Departamento Nacional: Av. Ayrton Senna Barra da Tijuca (RJ) Tel.: (21) Filiado à Associação Brasileira de Comunicação Empresarial (Aberje) TIRAGEM: exemplares PRESIDENTE DO CONSELHO NACIONAL: Antonio Oliveira Santos DIRETOR-GERAL DO DEPARTAMENTO NACIONAL: Sidney Cunha Editado pelo Centro de Comunicação Corporativa/Divisão de Administração e Recursos Humanos EDITOR: Jacinto Corrêa JORNALISTA RESPONSÁVEL: Cristina Gonzalez JORNA- LISTA: Valéria Sol ESTAGIÁRIOS: Hugo Spiller, Bianca Mueller, Roberta Vilella e Rodrigo Gonçalves CAPA: Fábio Paraguassú COLABORAÇÃO: Departamentos Regionais EDITORAÇÃO ELETRÔNICA: Casa do Cliente Comunicação 360 o REVISÃO: Fabiano Gonçalves LOGÍSTICA: João Chermont PRODUÇÃO GRÁFICA: Sandra Amaral nº 678 correio do SENAC NOVEMBRO/DEZEMBRO

4 DESTAQUE Emoção e glamour no Concurso Nacional de Alunos Na cozinha, os olhos de Ana lacrimejavam sem parar. Dessa vez não era por causa da cebola roxa que cortara há pouco, mas por ter finalizado a confecção do seu prato sob a pressão de uma contagem regressiva desafiadora. Mais tarde, não na cozinha, mas no palco, o choro era de alegria quando foi anunciado que ela, aluna do curso de Gastronomia do Senac Rio Grande do Sul, era a vencedora do Concurso Nacional de Alunos de Cozinha do Senac 2006 uma das mais conceituadas competições da alta gastronomia no Brasil e uma das principais ações comemorativas aos 60 anos da Instituição. Quem não participou da etapa final do Concurso Nacional não imagina a vibração que foi. Suor, lágri- mas, tremedeiras e palpitações são apenas alguns dos sintomas que os competidores tentaram conter. Mas, nesse evento, que aconteceu nos dias 24 e 25 de outubro, na Casa do Comércio, em Salvador, no Senac Bahia, nem a platéia conseguiu ficar indiferente a tanta emoção. Não é para menos. Além dos prêmios que são uma oportunidade para o aluno desenvolver seu talento e começar muito bem sua carreira, o evento foi glamoroso, contando com chefs renomados da Associação Brasileira da Alta Gastronomia (Abaga) no corpo de jurados. Eles fizeram do concurso um show à parte e uma verdadeira festa de confraternização que culminou no Cine-Teatro da Casa do Comércio. Como resume Marina 4 NOVEMBRO/DEZEMBRO 2006 correio do SENAC nº 678

5 Almeida, diretora do Departamento Regional baiano, foi um concurso completo e de sucesso: O Senac Bahia ficou feliz e orgulhoso em receber este evento e contribuir para que, cada vez mais, nossos profissionais sejam reconhecidos pelo Brasil e pelo mundo afora. Acima de tudo, revelamos talentos. Concorreram 11 alunos do Senac de diferentes estados (AP, BA, DF, ES, MG, PE, PR, RJ, RN, RS e SC), após vencerem as etapas regionais. Cada competidor contou com a colaboração de um aluno assistente e um instrutor, e teve três horas para preparar dois pratos, um de frango e outro de camarão. Não bastasse o tempo determinado, os alunos tinham outros critérios de avaliação considerados pelos jurados: o aroma, a higiene no manuseio dos ingredientes, o aspecto e a decoração do prato, e, claro, o sabor, que é o fator de maior peso. Toda performance dos alunos na cozinha foi filmada e transmitida simultaneamente para o salão, onde os jurados e a platéia acompanhavam tudo por um telão. Enquanto frangos eram destrinchados e camarões eram descascados, o chefe do júri do concurso, Jorge Monti, também presidente da Abaga e diretor da Associação Mundial de Chefs de Cozinha, narrava a disputa e animava o auditório, ao mesmo tempo em que criava um ambiente de suspense e tornava cada segundo mais emocionante. Tudo isso faz parte do espetáculo no qual nós, da Abaga, somos artistas. A música, os efeitos de luz e o reality show são fundamentais para que as pessoas se interiorizem dentro de uma cozinha viva. Criamos uma série de estímulos para mexer e envolver os alunos e o público, explica Monti. Para manter a atenção da platéia, foram ainda sorteados diversos brindes oferecidos pelo Senac e pelos apoiadores do evento: Nestlé Food Services, Sadia Food Services, Primar Aquacultura Orgânica, Vinícola Salton, MBB Food Services, Cia. das Ervas, Canaã Special Meats, Visa, Hotel Dom Pedro e restaurantes Friccó e Fino Trato. Terminado o tempo do aluno, os jurados tomavam seus lugares à mesa para serem servidos pelos garçons. Um deles percorria a platéia, como se estivesse numa passarela, para exibir a obra dos jovens chefs. Cada prato que desfilava tinha sua própria música, especialmente escolhida por Monti, enquanto os jurados experimentavam a comida e preenchiam fichas de avaliação dando notas para cada critério. Premiação Jurados experimentam os pratos servidos pelos garçons Jorge Monti entretém o público O clima de tensão que tomou conta do ambiente e dos concorrentes perdurou até o momento da divulgação, no palco do Teatro Casa do Comércio, dos resultados, que, obviamente, não foram revelados sem uma pitada de suspense. Premiada pelos seus pratos Rocambole de Frango com Favos e Cenoura à Julienne e Camarão à Marisqueira, Queijo Coalho Grelhado e Purê de Evilhas, a gaúcha Ana Lounº 678 correio do SENAC NOVEMBRO/DEZEMBRO

6 De cima para baixo: Finalistas aguardam o resultado do concurso Ana Loureiro, vencedora do concurso Zenilze e sua equipe comemoram o segundo lugar Roberto é o terceiro colocado no concurso reiro ganhou um estágio de uma semana no Hotel Dom Pedro, em Lisboa. Comemoraram a vitória também o instrutor Marcos Jiorge e o aluno assistente Guilherme Klein. Comovida ao subir no palco, Ana agradeceu a todos e declarou ser importante para qualquer um que queira se tornar chef a dedicação, o empenho e o respeito ao trabalho dos colegas. Estou feliz por ter conquistado o concurso. Passar essa semana em Portugal será muito importante para o meu trabalho. Ana tem 33 anos e é advogada, mas está largando a profissão para trabalhar só com gastronomia. Tão feliz quanto a primeira colocada ficou a segunda, Zenilze Leal Brito, do Senac Espírito Santo. A aluna, que contou com a ajuda de Fabrício Rosa e as orientações de Dino Rosa, elaborou os pratos Craquelê de Frango e Camarão Piripitinga, e ganhou um estágio no restaurante Friccó, em São Paulo. Estou muito contente com o segundo lugar porque é um estágio de duas semanas em um restaurante excelente. Estava louca para aprender a culinária italiana. Além disso, ganhei muita experiência durante os dois dias do concurso. Roberto Carlos Guimarães, do Senac Minas, foi o terceiro colocado com a receita Com as Riquezas das Minas Gerais, Caipira Tira Onda de Francês e Mineiro Voltando da Praia. Tendo como ajudante Vilson Mantovaneli e o instrutor Laudiney Tadeu do Carmo, Roberto acredita que o estágio no restaurante Fino Trato, em Florianópolis, será muito bom para a sua empresa: Vai ser muito importante para mim, pois tenho uma padaria e quero agregar valor ao meu produto, oferecendo alimentação de qualidade. Terminou o concurso, mas quem quer seguir a profissão na área de gastronomia sabe que a pressão não tem fim. Afinal, os melhores restaurantes do mundo quase sempre os mais cheios fazem da vida dos grandes chefs uma verdadeira corrida contra o tempo. Por isso, é fundamental o clima de tensão num concurso de gastronomia, explica Jorge Monti. E conclui: Quem trabalha numa cozinha tem que agüentar a pressão e ter raça de cozinheiro. No concurso, levamos a adrenalina dos alunos ao auge. Se eles conseguiram manter a calma e superar esse desafio, já é um grande passo para a vitória deles no mercado de trabalho. 6 NOVEMBRO/DEZEMBRO 2006 correio do SENAC nº 678

7 POR TODO O BRASIL Oficinas gratuitas costuram vidas PARANÁ Curso forma restauradores de patrimônio CEARÁ Oferecer às mães de crianças que crescem na Casa Lar Hai uma oportunidade para recuperar a auto-estima e desenvolver uma atividade de geração de renda é um dos objetivos do projeto Costurando Vida, realizado pelo Senac e pelo Sesc Paraná. As mulheres que participam dessa ação são mães biológicas de crianças de 2 a 6 anos (abandonadas e inseridas na Casa Lar Hai) que precisam de uma qualificação profissional para a recuperação dos seus filhos. Para que haja a possibilidade do retorno da criança, é necessário que a família passe por um processo de reestruturação, afirma Noêmia Zugman, assistente social da Casa Lar Hai. Por meio de oficinas que ocorrem nas unidades do bairro Portão, as mães desenvolvem competências necessárias tanto para o aprimoramento pessoal quanto para o exercício da cidadania, oportunizando a reinserção no mercado de trabalho e a melhoria da qualidade de vida. A primeira turma do projeto, que ocorreu de junho a agosto, reuniu 12 participantes nas oficinas Cama, Mesa e Banho, Pijamas, Culinária, Comportamental, Técnicas de Fuxico e Bordado. Uma experiência pioneira aconteceu na cidade de Icó, região centro-sul cearense, com o objetivo de contribuir para a preservação de prédios históricos. Nesse município, o Senac/CE ofereceu um curso de restauração de monumentos, com ênfase na pintura de casarões e de outros imóveis tombados como patrimônio nacional. Divididos em duas turmas, 24 alunos estudaram conceitos teóricos sobre patrimônio, desenho e levantamento arquitetônico, planta baixa, prospecção de cor, pintura de paredes, esquadrias, fachadas, medidas e escala. As aulas práticas ocorreram num casarão particular e na sede da Secretaria de Cultura do Município, Marinha Graça, prédios localizados no sítio histórico de Icó. O curso, que começou em agosto e terminou no dia 23 de novembro, foi promovido pelo Senac em parceria com o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), Secretaria de Cultura do Município, Projeto Monumenta, do Ministério da Cultura, e Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco). Festival promove a culinária pernambucana A aluna Fabíola Medeiros e seu auxiliar Diego, ao lado do chef César Santos, ficaram em 1º lugar PERNAMBUCO Com o tema Assucar & Açúcar na Gastronomia Pernambucana, o 5º Festival Gastronômico de Pernambuco, que aconteceu de 21 de outubro a 1º de novembro em Recife, abriu espaço para estudantes e jovens talentos, além de oferecer aos apaixonados pela arte de cozinhar a oportunidade de aprender com os grandes chefs os segredos desses profissionais. Parceiro das ações promovidas pelo festival, o Senac/PE marcou presença em importantes momentos do evento. Na Arena dos Chefs, instalada no Shopping Recife, Antônio Medeiros e Antônio Fernando, professores da instituição, ensinaram pratos que prezam pela criatividade, tanto na composição dos ingredientes quanto no sabor no momento da degustação. O Senac também foi destaque no concurso de estudantes que envolveu cinco instituições que ensinam gastronomia no estado. A aluna de Cozinha Fabíola Medeiros e seu auxiliar Diego Medeiros foram os vencedores na apresentação didática sobre o tema Assucar & Açúcar na Gastronomia Pernambucana, realizada na Oficina de Chefs. Na cozinha do restaurante-escola da Instituição, os chefs Claudemir Barros e Andréa Tinoco, Cleonice Ferraz e Silvio Romero, Claudia Freyre e Taciana Teti ensinaram ao público deliciosas receitas, que variaram de doces pernambucanos à alta cozinha francesa e mediterrânea, passando ainda pelos exóticos sabores da gastronomia. nº 678 correio do SENAC NOVEMBRO/DEZEMBRO

8 Ação Global 2007: higiene, beleza e saúde SERGIPE O Sistema Fecomércio/Sesc/Senac/SE marcou presença na 13ª edição do Ação Global com ações de cidadania voltadas a cerca de 3 mil pessoas. Trata-se de uma importante parceria firmada com o Sesi para atender a um maior número de sergipanos com ações de higiene, beleza e saúde. O Ação Global é um projeto desenvolvido há 13 anos pela Rede Globo de Televisão em parceria com o Sesi, ONGs, sindicatos, empresas e governo, que consiste em ajudar, em um único dia, milhares de pessoas de comunidades carentes que recebem oportunidade para a retirada de documentos, orientação jurídica e realização de exames médicos, além de receber dicas de saúde e nutrição e participar de atividades de lazer, entre muitos outros serviços. Segundo o presidente do Sistema Fecomércio/Sesc/Senac sergipano, Hugo Lima França, 95 profissionais foram mobilizados para trabalhar como voluntários na Ação Global 2007: Nossos colaboradores e alunos do Senac e os colaboradores do Sesc não mediram esforços para contribuir nessa brilhante iniciativa de proporcionar à população brasileira e sergipana um dia de cidadania. No dia 11 de novembro, na entrada da escola de ensino fundamental Roberto Simonsen, bairro 18 do Forte, em Aracaju, o Senac e o Sesc realizaram corte de cabelo masculino e feminino, medição de pressão arterial, campanha contra DST/ Aids e medição do índice de massa corpórea, entre outras atividades. O evento também contou com o SenacMóvel de Informática, estacionado no local para proporcionar aos participantes a inclusão digital por meio da internet interativa. Presença no Dia Mundial da CiênciaDISTRITO FEDERAL Marcos Pontes, o primeiro astronauta brasileiro a participar de uma missão espacial, foi a Brasília para comemorar o Dia Mundial da Ciência pela Paz e pelo Desenvolvimento, celebrado no dia 10 de novembro pela ONU. No Senac 903 Sul, participou de uma mesa-redonda sobre ciência e tecnologia para melhorar a vida das pessoas. Aberto ao público, o evento foi promovido pela Unesco em parceria com diversas instituições, entre elas o Senac/DF. Além da presença do astronauta brasileiro, o evento contou com diversas atividades, como exposições, workshops, oficinas, lançamentos de livros e palestras com cientistas renomados. No Senac 903 Sul, os visitantes puderam conhecer o avião Demoiselle, produzido por Santos Dumont. A programação contou ainda com a premiação do Concurso de Monografias e Desenhos Ciência pela Paz e pelo Desenvolvimento. O tema desses trabalhos foi O Brasil no espaço: qual a importância da ciência e da tecnologia espaciais para o desenvolvimento nacional?. Projeto Querubins resgata a cidadania MINAS GERAIS Desde o mês de novembro, o Senac/MG está atuando no projeto Querubins, criado pela Associação Querubins com a proposta de realizar atividades para o resgate da cidadania. Em sua participação, o Senac já prestou consultoria na montagem da cozinha didática preparada pelo Albano s, estabelecimento comercial da capital mineira, e agora se prepara para a oferta de cursos de qualificação para a comunidade da Vila Acaba Mundo, localizada na região centro-sul de Belo Horizonte. Após a inauguração da cozinha didática, no dia 7 de novembro, o Senac/MG deu seqüência à sua participação, com a oferta de dois cursos de gastronomia: Cozinheiro di Buteco, organizado para capacitar profissionais para o preparo de petiscos, tira-gostos e outros pratos ligados à cozinha de botequim, e Garçom di Buteco, que prepara profissionais com habilidades para ocupação, bem como informações para atendimento e técnicas de venda. A partir desse trabalho, o Senac mineiro espera oferecer à comunidade uma boa oportunidade de inserção no mercado de trabalho. De acordo com o gerente do Senac Belo Horizonte, Ricardo Pereira, os donos de estabelecimentos possuem demanda para garçons e cozinheiros bem preparados: Nossa intenção, com os cursos oferecidos dentro do projeto Querubins, é atender a essa necessidade e profissionalizar o setor. 8 NOVEMBRO/DEZEMBRO 2006 correio do SENAC nº 678

9 Novas turmas de aprendizes PIAUÍ O Senac/PI comemora uma crescente demanda das empresas do Setor do Comércio de Bens, Serviços e Turismo por vagas no programa Senac Aprendiz nos últimos meses. Para atender às solicitações, foram programadas para este semestre mais quatro turmas: três em Teresina, já em andamento, e uma em Parnaíba, iniciadas no dia 20 de novembro. As turmas totalizam mais 140 adolescentes inseridos no mercado de trabalho. Logo no primeiro dia de aula, os novos aprendizes participaram das atividades do Seminário de Integração. A proposta foi trabalhar a ambientação do novo aprendiz e a apresentação pessoal e postura profissional adequadas ao ambiente de trabalho. Também foram abordados o compromisso, a responsabilidade e o melhor aproveitamento do tempo, proporcionando uma visão geral do contexto do mercado de trabalho. Nosso principal objetivo é minimizar as dificuldades dos aprendizes e, também, das empresas, nesse início de caminhada, comentou Francisca Lopes, coordenadora do programa. Senac é destaque na Sabor ES ESPÍRITO SANTO O estande do Senac/ES foi um dos destaques da feira de gastronomia Sabor ES, realizada de 20 a 22 de novembro em Vitória. A programação foi variada e teve desde degustação de coquetéis e drinques até lançamento de livro. No primeiro dia da feira, o Senac promoveu a palestra Lixo mínimo A experiência de Visconde de Mauá, com a jornalista e hoteleira Sílvia de Souza Costa. No dia 21, a escritora carioca Márcia Algranti lançou no estande do Senac o livro Conversas na cozinha, do Departamento Nacional do Senac, que traz uma seleção de receitas de entradas, pratos principais, acompanhamentos e sobremesas, todas testadas e padronizadas pela equipe de professores e cozinheiros do Hotel Senac Ilha do Boi. Para encerrar a programação, foi realizada uma apresentação de flair, série de malabarismos com garrafas. Duas atrações foram permanentes e garantiram o sucesso e o grande número de visitantes no estande durante todo o evento. Uma delas foi a livraria Senac, que superou a expectativa de vendas e apresentou dezenas de títulos das editoras da Instituição. A outra foi a degustação de coquetéis e drinques preparados pelos instrutores e alunos do curso de garçom, que resultou em destaque nos principais jornais do estado como dica para os leitores servirem algo diferente e gostoso em ocasiões diversas. Alunos, coordenadores e docentes constroem o Desafio da Moda SÃO PAULO O projeto multimídia Desafio da Moda, uma parceira entre o Senac/SP e a Editora Abril, congrega alunos, docentes, coordenadores de cursos e profissionais das duas organizações. Ousado, reúne boas idéias, tecnologia, muita moda e elementos audiovisuais em uma série de ações de comunicação nas mais diversas mídias. A ação central é a de 39 veiculações de 13 programas, cada um com duração de 22 minutos, no canal 22 da TVA, tendo em destaque a participação dos alunos. O primeiro foi ao ar no dia 25 de outubro. O conteúdo tem o compromisso de mostrar que a moda não é apenas sinônimo de grifes e peças caras. É democrática e conta também com uma linguagem jovem e dinâmica testando as habilidades e a criatividade dos estudantes, como lavar roupas sem manchá-las, comprar peças essenciais para um guarda-roupa com pouco dinheiro e fazer combinações de peças para formar looks diferentes. Além da veiculação na TVA, formatos com duração de um minuto cada serão mostrados, duas vezes ao dia, nos canais E!, People & Arts, Sony e Warner. Até dezembro, serão exibidas 910 edições. Parintins e Manacapuru terão cursos gratuitos AMAZONAS O Senac/AM deu início às primeiras turmas nas áreas de Informática e de Turismo e Hospitalidade nos municípios de Parintins e Manacapuru, com recursos oriundos do Fundo de Amparo ao Trabalhador, verba disponibilizada pelo Ministério do Trabalho para promover a integração do empregado na vida e no desenvolvimento das empresas. O Senac atenderá 165 alunos nos cursos de Camareira, Garçom, Recepcionista, Governança, Manutenção Preventiva e Corretiva de Microcomputador e Informática Básica. nº 678 correio do SENAC NOVEMBRO/DEZEMBRO

10 Corumbá realiza festival gastronômico MATO GROSSO DO SUL Ex-aluno ajuda a construir cardápio típico ACRE Com a participação de 12 restaurantes e a parceria do Senac/MS, a Prefeitura de Corumbá promoveu de 23 a 26 de novembro o Festival Gastronômico Sabores do Pantanal, que visa promover a Cidade Branca como destino turístico, valorizar a culinária regional e incentivar a melhoria do serviço gastronômico local. A carreta-escola do Senac esteve no local promovendo os cursos Pão de Batata, Novas Receitas para o Preparo de Lanches, Etiqueta à Mesa, Noções de Higiene e Contaminação dos Alimentos, Pratos Deliciosos com Fubá e Sinfonia de Sabores da Culinária Pantaneira. Organizado pela Secretaria Municipal de Turismo, o festival reuniu as principais cozinhas da rede de restaurantes da cidade e contou com a participação de profissionais de outras regiões, que trouxeram suas experiências como empreendedores, especialização em gestão de negócios e chefs. Além de cursos, a programação incluiu palestras e aula-show. Houve, ainda, exposição de mesas decoradas e de fotografias de culinária, feira com produtos, livraria gourmet e corrida de garçons. Participaram da primeira edição do evento os seguintes restaurantes: Antonellos, Avalon, Anzol de Prata, Batidão, Churrascaria do Gaúcho, Diet & Light, Gold Fish, Laço de Ouro, Miguéis, Rodeio, Sabor Bem Bom (Bar do João) e Viva Bella. O Sebrae também foi parceiro no festival. No fim de novembro, Rio Branco foi palco do 2º Festival do Tambaqui, promovido pelo Sebrae com apoio do Senac/AC. Para ajudar donos e cozinheiros dos mais renomados restaurantes da cidade a criarem pratos à base de peixe, foi convidado o chef Edegar Queiróz do Nascimento, um dos maiores nomes da culinária brasileira e internacional, formado pelo Senac Niterói (RJ) há 31 anos. Durante uma semana, ele ministrou um curso preparatório na sede do Senac/AC e incentivou os participantes a soltarem a imaginação na criação de receitas a partir dos mais diversos cortes do tambaqui. Os alunos aprenderam novas técnicas de combinação e improvisação de pratos utilizando frutas, ervas e castanhas. Houve até quem incluísse tucupi na elaboração de pratos que ajudarão a criar uma identidade acreana na culinária local. E saiu muita coisa boa, admirou-se Edegar. A realização do Festival do Tambaqui faz parte de um calendário de festas gastronômicas que estão sendo desenvolvidas dentro do projeto de turismo Caminhos e Sabores do Acre. Inclui o 2º Festival da Castanha em Brasiléia, realizado no início de novembro, e o Festival da Melancia, promovido pelo município de Porto Acre, em setembro. Uma das novidades para o ano que vem será o Festival da Macaxeira, em Epitaciolândia. Senactech reúne 700 pessoas em Porto Alegre Setecentas pessoas estiveram reunidas no centro de eventos do Hotel Plaza São Rafael, em Porto Alegre, no dia 14 de novembro, em busca das tendências do mercado de tecnologia da informação (TI) desvendadas por grandes nomes da área. Representantes do Google, da IBM e do Terra abrilhantaram o Senactech, um seminário realizado pelo Senac/RS para projetar o futuro da TI com base nas experiências dos palestrantes. A condução do evento ficou a cargo do ator da Rede Globo Carlos Takeshi. Unindo cotidiano e tecnologia, o gerente de novas tecnologias da IBM Brasil, Fábio Gandour, abordou em sua palestra Tecnologia: o que pode fazer por nós, contra nós ou apesar de nós a influência da mídia eletrônica na vida das pessoas e mostrou a importância de que novidades da área estejam voltadas às suas necessidades. O segundo tema, Os pontos-chave para entender a internet atual e sua evolução, abordado por Paulo Castro, diretor geral do Terra, tratou das questões tecnológicas e dos ca- RIO GRANDE DO SUL minhos que o Portal percorre para garantir sucesso no mercado. Destacou ainda os dados de acesso à internet, apresentando a nova ferramenta wi-fi max, que vem tomando expressivo espaço irradia ponto externo para a conexão e já foi adotada em algumas regiões do Amazonas. Para finalizar o evento, o diretor geral do Google no Brasil, Alexandre Hohagen, falou sobre A revolução dos buscadores e seu impacto na mídia on-line. Em sua opinião, agilizar a informação do mundo todo e torná-la universalmente acessível e útil é o grande desafio da maior empresa de buscadores do mundo. A internet passou de coadjuvante à parte fundamental na vida das pessoas, e o usuário passou a ocupar um espaço ainda mais definitivo na escolha daquilo que é relevante, destacou Hohagen. 10 NOVEMBRO/DEZEMBRO 2006 correio do SENAC nº 678

11 Rio Hospitaleiro oferece cursos gratuitos Profissionais de bares, restaurantes, pousadas e hotéis, comerciários e taxistas que trabalham na região do Pólo Novo Rio Antigo e em estabelecimentos de Copacabana, Ipanema, Leblon, Lagoa, Barra e outros bairros turísticos da cidade estão sendo qualificados pelo programa Rio Hospitaleiro. O projeto é uma parceria do Ministério do Turismo, da Secretaria Especial de Turismo e do Senac/RJ, contando com o apoio do Sindicato de Hotéis, Bares e Restaurantes do Rio. A idéia é melhorar a qualidade dos serviços por meio de cursos de capacitação gratuitos e buscar a conscientização de pessoas e instituições com um objetivo comum: o reconhecimento internacional da excelência do turismo receptivo no Rio de Janeiro. Até dezembro, profissionais já terão concluído o curso que reúne noções de turismo, a história dos Jogos Pan-Americanos, inglês e espanhol, entre outros módulos. Até que comece a edição 2007 dos Jogos Pan-Americanos, que será realizada no Rio, 6 mil profissionais já estarão qualificados. Barra do Garças: curso para videolocadoras MATO GROSSO RIO DE JANEIRO O Centro de Educação Profissional de Barra do Garças, do Senac/MT, lançou em novembro o curso de capacitação Atendimento em Videolocadoras. O curso, pioneiro na cidade, foi programado para instruir o profissional a melhorar seu atendimento ao público e intensificar as vendas dessas empresas no município e nas cidades adjacentes. Durante o curso, foram utilizadas apostilas acompanhadas de recursos audiovisuais. Nas aulas, totalmente interativas, os alunos trocam experiências enquanto o professor estimula-os a analisar situações do dia-a-dia no ambiente de trabalho. Foram abordados também assuntos sobre relações humanas e comportamentais, habilidades conceituais e técnicas de vendas. De acordo com a economista Eliana Gonçalves, facilitadora do curso, foram trabalhados diversos temas, entre eles diferenciação entre o atendimento tradicional aos clientes e o de excelência, para encantar e garantir maior fidelização; história das videolocadoras; relações interpessoais; ética no trabalho; etiqueta profissional; telemarketing; e técnicas de fidelização. Nesta primeira edição, até o dia 9 de novembro o Senac atendeu cinco locadoras dos municípios de Barra do Garças, Aragarças e Pontal do Araguaia. Por meio do curso, nove profissionais foram contratados. CORREIO DO CORREIO Reproduzimos carta enviada por Pedro Daniel Weinberg, diretor do Cinterfor/OIT (Centro Interamericano de Investigação e Documentação sobre Formação Profissional, da Organização Internacional do Trabalho), ao diretor-geral do Departamento Nacional, Sidney Cunha, no dia 27 de novembro de Estimado prof. Cunha, Venho informar que no dia 30 de novembro será minha última jornada de trabalho à frente da direção do Cinterfor/ OIT. Diante da impossibilidade de fazê-lo pessoalmente, como seria minha intenção, desejo expressar meu mais sincero agradecimento pelo permanente e desinteressado apoio que V.Sa. me ofereceu na direção do Senac ao longo destes anos. Peço para fazer extensivo este sincero reconhecimento a todos e a cada um dos diretores e funcionários do Senac. Devo expressar que, sem vossa permanente assistência, somada à ativa partipação desta Instituição nas iniciativas conduzidas por nosso Centro, as conquistas e resultados alcançados não seriam possíveis. Ao ter colocado à nossa disposição recursos humanos, técnicos e financeiros, que se somaram aos aportados pela OIT, se fez possível o cumprimento de nosso ambicioso plano de trabalho ao longo destes anos. Temos passado por anos críticos para a formação profissional e para a sua afirmação na região americana. Afortunadamente, nossos organismos conseguiram se posicionar de maneira original diante dos novos desafios. Para isso, tiveram que conduzir audazes e profundos processos de transformação institucional. Ao assumir esses desafios, as entidades nacionais de formação conseguiram atender adequadamente ao setor produtivo por meio de suas políticas, estratégias e programas essas intervenções se guiam pelos imperativos de qualidade, pertinência e eqüidade, o que as tem levado a caminhar na vanguarda dos esforços educativos nacionais e das diversas instâncias do setor laboral. Faço votos pelo sucesso de sua gestão à frente do Senac e reitero minha convicção sobre a relevância que adquirem para o país os programas que vocês levam a cabo eles constituem uma mostra eloqüente da missão que lhe compete nas atuais circunstâncias à formação e ao desenvolvimento dos recursos humanos brasileiros. Assim, o convoco a seguir mostrando o mesmo compromisso com quem me substituir na direção do Cinterfor/OIT. Cordiais saudações, Pedro Daniel Weinberg nº 678 correio do SENAC NOVEMBRO/DEZEMBRO

12 VISÃO De 5 a 8 de novembro, em Brasília (mais informações na página 15), o Ministério da Educação, por meio da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) e do Fórum Nacional dos Gestores Estaduais de Educação Profissional, realizou a 1ª Conferência Nacional de Educação Profissional e Tecnológica (Confetec) sob o tema geral Educação profissional como estratégia para o desenvolvimento e a inclusão social. A Confetec foi precedida por 27 conferências regionais em todas as unidades da federação, que resultaram em cerca de 900 propostas, debatidas e votadas. Essa sistemática de trabalho objetivou marcar a construção de uma rede de interação entre todos os atores sociais envolvidos, visando à consolidação da educação profissional e tecnológica como instrumento imprescindível para o aperfeiçoamento do desenvolvimento econômico e para a construção de políticas de inclusão social no país. Francisco Aparecido Cordão, o consultor educacional do Senac e um dos agentes educacionais que participou ativamente da conferência nacional, comenta os principais resultados do evento. Novos olhares sobre a educação profissional Qual a importância da Confetec para a educação profissional? A grande importância decorre da inserção da educação profissional na pauta nacional dos temas educacionais. Já é coisa do passado considerar a educação profissional como parte especial de um currículo escolar, em que seus docentes eram caracterizados como instrutores e seus conteúdos como de preparação de mão-de-obra, isto é, à margem do processo educacional, como se fossem apenas programas de adestramento profissional, treinamento operacional ou similares. A rigor, tradicionalmente, nem se admitia a expressão educação profissional era utilizada a expressão formação profissional. Agora o Ministério de Educação, ao dedicar à educação profissional e tecnológica a sua primeira conferência nacional, assumindo-a como estratégia para o desenvolvimento e a inclusão social, deu um passo decisivo para a superação de um velho preconceito. Valoriza, assim, o conceito de educação profissional consagrado pela atual Lei de Diretrizes e Bases, assume-a efetivamente como ato educativo e a coloca definitivamente na agenda dos assuntos de interesse da educação brasileira. 12 NOVEMBRO/DEZEMBRO 2006 correio do SENAC nº 678

13 Qual foi o papel do Senac nesse encontro? Foi de fundamental importância. Não apenas na conferência nacional, mas também nas etapas regionais, preparatórias, realizadas em todas as 27 unidades da federação. Representantes do Senac de todo o país participaram ativamente, debatendo e levando as propostas da Instituição sobre a matéria. Foram eleitos delegados para a Confetec, que defenderam suas propostas com voz e voto. Além disso, representantes da Instituição participaram ativamente das atividades paralelas desenvolvidas durante a conferência nacional. Entre elas, debates sobre o Fundo de Desenvolvimento da Educação Profissional e Tecnológica (Fundep) e sobre as alternativas para o ensino técnico de nível médio, além das exposições sobre itinerários formativos (metodologia de construção e formação inicial e continuada de trabalhadores no comércio). Quais os resultados obtidos? Entre os resultados, estão a aprovação da proposta de instituição do Fundep, buscando outras fontes de recursos para a valorização da educação profissional; a ampliação da oferta de vagas nos cursos técnicos de nível médio, com prioridade no atendimento à população de baixa renda; e a adoção de políticas de inclusão desses alunos no mercado de trabalho. Os resultados finais da Confetec serão apresentados em publicação a ser editada, até dezembro, pela comissão organizadora do evento. A Confetec atendeu às suas expectativas? Na verdade, a pauta predeterminada dos eixos temáticos e as propostas originais elaboradas e divulgadas pela Setec, além do excesso de regras, acabaram induzindo de forma quase que sufocante todo o processo dos debates, desde as conferências regionais até a nacional. Não houve oportunidade para a efetiva troca de experiências e a salutar divulgação de boas práticas educacionais. Sequer foram abertos espaços para eventuais apresentações referentes às ofertas de programas de educação profissional técnica e tecnológica em cada unidade da federação. Acabaram prevalecendo, entre os temas, as discussões em torno da questão do financiamento da Educação Profissional e Tecnológica (EPT), com ênfase para a instituição do Fundep, na questão da oferta da educação profissional técnica de nível médio de forma integrada com o ensino médio e a questão da gratuidade da EPT, especialmente para alunos e ex-alunos das redes públicas de educação básica. Então, a Confetec não conseguiu focar a educação profissional como um todo? A rigor, não se pode dizer que a conferência nacional tenha sido propriamente de educação profissional em sentido amplo, conforme anunciado e desejado. O evento acabou focalizando prioritariamente, para não dizer quase que exclusivamente, o ensino técnico de nível médio, área de atuação predominante da rede federal de EPT. Pouco se debateu sobre a educação profissional no nível da educação superior, inclusive em relação à formação de docentes para a educação profissional, e muito menos sobre a formação inicial e continuada de trabalhadores, incluindo a qualificação ou capacitação inicial, a aprendizagem permanente para os setores produtivos, em termos de atualização, aperfeiçoamento e especialização. Também não foram priorizadas importantes questões como a organização da oferta de programas de educação profissional por itinerários formativos, a atualização das Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Profissional, a organização programática da educação profissional técnica e tecnológica por áreas profissionais ou por eixos tecnológicos etc. nº 678 correio do SENAC NOVEMBRO/DEZEMBRO

14 Uma história de sucesso Coragem e persistência. Foi acreditando no significado dessas palavras que Rosival Vicente de Paula, com a força de seu trabalho e a contribuição do Senac, conseguiu ampliar seus horizontes profissionais e elevar a sua qualidade de vida. Nascido em Araputanga, município do interior do Mato Grosso, aos 17 anos ele chegou a Comodoro, a 680 quilômetros de Cuiabá, e começou a trabalhar como entregador e empacotador de supermercado. No ano seguinte, Rosival recebeu a notícia de que mudaria a sua vida: o Senac promoveria, na cidade, um curso de Técnico em Enfermagem. Mesmo sabendo de todas as dificuldades que enfrentaria, encarou o Rosival Vicente de Paula Senac/MT desafio. Matriculou-se na atividade e começou a estudar com afinco. Perdeu o emprego, mas continuou lutando. Passou a trabalhar na roça, em um pedaço de terra cedido por seu tio, plantando milho. Enquanto o milho crescia e os estudos prosseguiam, trabalhava como babá, servente de pedreiro, garçom e feirante. Tudo para garantir um futuro melhor para ele e a família: Confesso que pensei em abandonar o curso e procurar um emprego que me oferecesse um salário mais alto. Só não desisti porque me fortalecia sempre que pensava em minha mãe. Em 2005 Rosival teve seu esforço reconhecido, ao receber convite para trabalhar como agente de saúde na Secretaria de Saúde de Comodoro. Foi o ano em que também conseguiu se formar. Seu trabalho de conclusão do curso recebeu elogios de todos os docentes. Em seguida, decidiu prestar concurso para técnico de enfermagem em Conquista d Oeste, município próximo de Comodoro. Passou em primeiro lugar e até hoje trabalha no posto de saúde local. O Senac foi muito importante na minha história. Graças à Instituição, hoje eu e minha família temos uma vida mais digna. Realizar nossos sonhos é maravilhoso, afirma. O seu próximo desafio será tentar, ainda este ano, o vestibular para Medicina. 14 NOVEMBRO/DEZEMBRO 2006 correio do SENAC nº 678

15 INTEGRAÇÃO 1 a Confetec acontece em Brasília A 1ª Conferência Nacional de Educação Profissional e Tecnológica (Confetec) aconteceu em Brasília, de 5 a 8 de novembro, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães. O evento, promovido pelo Ministério da Educação por meio da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica e do Fórum Nacional de Gestores Estaduais de Educação Profissional, pretendeu divulgar programas e ações ligados a modalidades de ensino, contando com debates e discussões sobre o papel da educação profissional e tecnológica (EPT) no desenvolvimento nacional e nas políticas de inclusão social. Também se discutiu a atuação da EPT na melhoria da competitividade do país na economia global, além da proposta de mecanismos permanentes de financiamento visando à sua manutenção e expansão no Brasil. Entre os eixos temáticos norteadores da conferência estavam: o papel da EPT no desenvolvimento nacional e nas políticas de inclusão social; financiamento da EPT: manutenção e expansão; organização institucional e o papel das instâncias de governo e da sociedade civil; estratégias operacionais de desenvolvimento da EPT: sistema de gestão, proposta pedagógica, educação a distância e formação e valorização de profissionais; além da relação da EPT com a universalização da educação básica. A diretora de Educação Profissional do Senac Nacional, Léa Viveiros de Castro, integrou a comissão organizadora da conferência e participou como debatedora do painel sobre projeto pedagógico. Além disso, o Departamento Nacional esteve presente por meio das apresentações das técnicas Maria Luiza Araújo e Rejane Leite, que abordaram, respectivamente, os temas das publicações Itinerários formativos: metodologia de construção e Formação inicial e continuada de trabalhadores no Comércio de Bens, Serviços e Turismo, produzidas pelo DN na série institucional Documentos Técnicos. O evento contou com a participação de aproximadamente pessoas entre delegados, convidados, observadores e visitantes (outras informações nas páginas 12 e 13, na entrevista exclusiva com o consultor educacional Francisco Aparecido Cordão). A gastronomia brasileira e suas potencialidades Para preservar, valorizar e divulgar a gastronomia nacional, o Sistema CNC/Sesc/Senac, em parceria com a Federação Nacional de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares (FNHRBS), promoveu, nos dias 23 e 24 de outubro, no Condomínio Sesc-Senac no Rio de Janeiro, o seminário internacional Gastronomia Nacional, Patrimônio Cultural, Turismo e Desenvolvimento Sustentável. O evento, que teve apoio da Organização Mundial do Turismo (OMT), do Ministério do Turismo, do Sebrae Nacional e do Sindicato dos Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares do Rio de Janeiro (SindiRio), trouxe ao Brasil especialistas de seis países: Glória Lopes Morales, do México; Fernando Boris, de Cuba; Marcelo Alvarez, da Argentina; João Reboredo, de Portugal; José Valdearcos Cabrera, da Espanha; e Sylk Scheneider, da Alemanha. Em suas apresentações, debateram formas de salvaguardar os pratos tradicionais da cozinha brasileira enquanto patrimônio cultural e fator de desenvolvimento socioeconômico do país. A solenidade de abertura contou com as presenças do secretário nacional de Políticas de Turismo do Ministério do Turismo, Airton Pereira; da diretora executiva dos Membros Filiados da OMT, Victória de Marco; do secretário de Turismo do Estado do Rio de Janeiro, Sérgio Ricardo Martins de Almeida; e do secretário municipal de Turismo do Rio de Janeiro, Rubem Medina; além de Ilma Ordine Lopes, representando o Sebrae Nacional; Alexandre Sampaio, presidente do SindiRio; Bobby Fong, presidente do Conselho Nacional da Associação Brasileira de Restaurantes e Empresas de Entretenimento; e Norton Luiz Lenhart, presidente da FNHRBS, que representou o presidente da CNC/Sesc/Senac; entre outros. nº 678 correio do SENAC NOVEMBRO/DEZEMBRO

16 INTEGRAÇÃO Diretores do Senac se reúnem em Campos do Jordão No dia 16 de novembro, o Grande Hotel Campos do Jordão Hotel-Escola do Senac, em São Paulo, mais uma vez foi palco do Encontro de Diretores do Senac, que se realiza anualmente. Na edição deste ano, em que o Senac comemora 60 anos de existência, o evento contou com uma pro- Diretores do Senac foram homenageados Diretor-geral, Sidney Cunha (2 o à esq.), entre diretores regionais e palestrantes gramação especialmente criada para os diretores regionais de todo o país e para os diretores do Departamento Nacional. Foram realizadas palestras com diversas personalidades, como o analista político Merval Pereira, que abordou o cenário político após as eleições; o chefe da Divisão Econômica da Confederação Nacional do Comércio, Carlos Tadeu, que falou sobre o panorama econômico; e o diretor do Centro Interamericano de Investigação e Documentação sobre Formação Profissional, da Organização Internacional do Trabalho (Cinterfor/OIT), Daniel Weinberg, que apontou os caminhos da educação profissional. Já o tema das relações do Sistema S com o Tribunal de Contas da União foi apresentado pelo superintendente do Departamento Jurídico da Confederação Nacional da Indústria, Hélio Rocha. Em seguida, os Núcleos de Desenvolvimento Corporativo do Senac (Amazônia/Centro-Oeste, Nordeste e Sul/Sudeste) apresentaram projetos integradores, como o Programa Varejo em Dia (RN), o Mira/Sistema Integrado de Gestão (MS) e os Itinerários Formativos (SC). O encontro foi finalizado com uma homenagem aos diretores regionais com mais de 20 anos dedicados à Instituição, que receberam placas de agradecimento, seguido de jantar de confraternização com a apresentação da cantora Sandra de Sá. Reunião do Cinterfor no Senac Barreira Roxa O Departamento Nacional do Senac, com a assistência técnica do Centro Interamericano de Investigação e Documentação sobre Formação Profissional da Organização Internacional do Trabalho (Cinterfor/OIT) e com o apoio do Senac Rio Grande do Norte, promoveu, de 8 a 10 de novembro, no Hotel-Escola Senac Barreira Roxa, em Natal, a reunião técnica Formação profissional para os setores de Turismo, Hotelaria e Gastronomia. O evento teve o apoio do Ministério do Turismo e do Governo do Estado do Rio Grande do Norte, e reuniu representantes de instituições de educação profissional de 18 países da América Latina filiadas ao Cinterfor/OIT. O encontro serviu para analisar as novas demandas por educação profissional ante as tendências de crescimento e de segmentação da atividade turística em todo o mundo. Propiciou ainda o intercâmbio de informações e experiências na execução de programas, projetos e estratégias educacionais adotados no continente americano para a capacitação profissional em Turismo, Hotelaria e Gastronomia. Representando o Departamento Nacional, compareceram o diretor-geral, Sidney Cunha, o assessor de Relações Institucionais, Arthur Bosisio, o gerente de Projetos Estratégicos, Antônio Henrique de Paula, e a técnica Nely Wyse. 16 NOVEMBRO/DEZEMBRO 2006 correio do SENAC nº 678

17 Teleconferência aborda a vida com HIV/Aids No dia 29 de novembro, a Rede Sesc-Senac de Teleconferência levou ao ar Viver com HIV/Aids, o mesmo tema do Dia Mundial de Luta contra a Aids, que acontece no dia 1º de dezembro. Esse foi o segundo programa veiculado após acordo firmado entre o Senac Nacional, o Programa Nacional (PN DST/Aids) do Ministério da Saúde e a Unesco para a transmissão de cinco teleconferências que visam sensibilizar a população para melhor prevenção, tratamento e diagnóstico das doenças sexualmente transmissíveis e da Aids. A tele contou com a participação do diretor adjunto do Programa Nacional de DST e Aids, Carlos Passarelli, além de Eduardo Barbosa, da Unidade de Articulação com a Sociedade Civil e Direitos Humanos do PN DST/Aids e, Cida Lemos, integrante da Rede Nacional de Pessoas Vivendo com HIV e Aids Mais Brasil. O programa teve como mediador o jornalista Sergio Brandão e foi transmitido ao vivo, em rede nacional, para mais de 300 auditórios e salas do Senac nas capitais e cidades do interior. Grande demanda por oficinas de Marketing e Comunicação Contando com novos consultores para ajudar os profissionais do Sistema Senac a desenvolverem suas ações estratégias de marketing e comunicação, o Departamento Nacional (DN) do Senac vem atendendo às solicitações dos Departamentos Regionais (DRs) por mais oficinas. A grande demanda deve-se à total customização dos treinamentos, oferecendo ferramentas eficazes para um melhor desempenho mercadológico de cada DR. Nos dias 27 e 28 de setembro, o DR/Tocantins realizou sua segunda oficina, dessa vez com o tema Comunicação interna como estratégia institucional, ministrada pelo consultor Paulo Clemen, sob a coordenação da técnica do DN Laura Figueira. Em sua quarta oficina, o regional de Goiás recebeu, nos dias 29 e 30 de novembro, o consultor Benedito Cantanhede e o técnico do DN João Chermont, que levaram o tema Marketing de vendas. Já o regional alagoano, que está em sua quarta oficina, estreou, nos dias 19 e 20 de outubro, o tema Planejamento e estruturação da força de vendas e serviços, ministrado por Ricardo Mathias sob a diretriz de João Chermont. A nova oficina visa contribuir na preparação de gestores e técnicos para a tomada de decisões gerenciais e operacionais de vendas associadas à estratégia de marketing da Instituição. O Regional de Brasília, que está em sua quinta oficina, realizou nos dias 7 e 8 de novembro Técnicas de atendimento ao cliente com o consultor Marco Bechara e Laura Figueira. No mesmo mês, do dia 21 ao 23, o DR Paraíba realizou sua primeira oficina com o tema Formação de preço com noções básicas de segmentação, com consultoria de Roberto Meirelles e acompanhamento de Laura. O DR Amazonas já está em seu segundo tema. O último foi Estratégia de negócios, de 29 de novembro a 1º de dezembro, com o consultor Marcos Bechara e Laura. Os dois também estiveram no Amapá, nos dias 5 e 6 de dezembro, realizando a segunda oficina do Regional: Formação de preços. Fechando 2006, nos dias 12, 13 e 14 de dezembro foi realizada a terceira oficina do Regional de Roraima com o tema Gestão estratégica de negócios, levada por Marcos Bechara e João Chermont. Oficina realizada nos dias 24 e 25 de outubro no Senac/AP nº 678 correio do SENAC NOVEMBRO/DEZEMBRO

18 José Iguarassu Bezerra Monteiro DIRETOR REGIONAL DO SENAC AMAPÁ Capacitação interna e formação de parcerias As transformações que ocorreram nos últimos anos no estado do Amapá, no campo educacional, foram significativas principalmente quanto à oferta de vagas por instituições privadas, nos três níveis de ensino. O resultado foi uma explosão de instituições particulares de nível superior que está influenciando todo o mercado educacional. Em 2000 eram duas; hoje, estima-se que esse número esteja em torno de 20 faculdades oferecendo cursos de graduação e pós-graduação. No que tange à educação profissional, ocorreu nesse período abertura e fechamento de escolas. O saldo, contudo, apresenta ampliação da rede, com entidades públicas e privadas. O registro desse breve panorama é apenas para destacar o colorido de alta competitividade que envolve a atividade de nossa Instituição. Esse cenário impulsionou a construção de novas estratégias e a quebra de paradigmas para perpetuidade da oferta de serviços com qualidade focada nas necessidades da sociedade e do mercado de trabalho, pois o público que tradicionalmente freqüentava nossas programações direcionou-se para os cursos de graduação. Para enfrentar esse desafio, dois caminhos foram escolhidos. A primeira linha de ação voltou-se para investimentos em capacitação da equipe. Entre outros instrumentos, destacamos o auxílio escolar aos funcionários que freqüentam cursos de graduação ou de pós-graduação. Nos seis anos desse programa, ampliamos o quadro de instrutores com nível de educação superior completa, em processo de formação e alguns pós-graduados. Quanto à equipe administrativa, foi possível a ampliação da estrutura organizacional com absorção de trabalhadores da própria casa, dada a conclusão de formação acadêmica pertinente às competências exigidas para tais funções. Ainda nessa linha de ação, recentemente foi fundamental a consecução de duas oficinas conveniadas com o Departamento Nacional: Itinerários formativos e Segmentação de mercado, que contribuíram para instrumentação mais eficiente da gestão dos recursos, planejamento da programação de cursos e análise de mercado, possibilitando ao Regional melhor relacionamento com seus alunos, clientes corporativos e sociedade. A segunda linha de ação adotada foi a busca e ampliação de parcerias com o objetivo de dinamizar a oferta e a abrangência de cursos. Atualmente, o leque de parceiros é formado por órgãos da administração pública estadual e municipal, Sebrae, ONGs, Funceb (Fundação Cultural do Exército Brasileiro), sindicatos e associações patronais e laborais. Podemos citar, por exemplo, que todos os cursos ministrados fora da capital são realizados em parceira, dados os elevados custos, dificuldades de acesso e baixa renda das populações residentes no interior. Esse foi o caso do curso Locutor de Rádio. Numa parceria com o Sebrae, formamos 24 locutores de rádio no município de Laranjal do Jari, ao sul do estado, atendendo a uma antiga reivindicação da Fidelis/Laranjal do Jari (Fórum de Desenvolvimento Local, Integrado e Sustentável), que se ressentia da falta de capacitação profissional para o exercício de tão importante atividade laboral numa região onde o rádio é o principal veículo de comunicação entre as comunidades do Vale do Jari. Considerando o cenário competitivo em que vivemos, cremos que as opções por permanente capacitação e motivação da equipe de colaboradores, aliada à prática de construção de parcerias, constitui a chave para continuar o intenso e extenso trabalho de educação profissional e oportunizar a geração de competências para o trabalho e para a vida cidadã de nossa sociedade. Colaboração: ação: Assessoria de Comunicação e Marketing do Senac/AP 18 NOVEMBRO/DEZEMBRO 2006 correio do SENAC nº 678

19 promocão Para ajudar os jovens a desenvolverem algumas das competências que formam a base de seu aprendizado pessoal, social e profissional, assim como seu crescimento como cidadãos e trabalhadores, o Senac Nacional lançou o livro Se liga nessa: corpo, emoção, com- portamento e saúde, escrito por Ronaldo Tapajós e utilizado pela Instituição nos seus programas Aprendizagem Comercial (Menor Aprendiz), Educando para a Cidadania e Soldado Cidadão. São 112 páginas elaboradas com linguagem direta do cotidiano do jovem, referências culturais e recursos gráficos de alta qualidade. Se liga nessa: corpo, emoção, comportamento e saúde aborda temas como auto-estima, apresentação pessoal, comportamento, comunicação, sexualidade, drogas, saúde, sonho e realidade em narrativas ficcionais que levam o leitor a se identificar com os personagens e refletir sobre suas ações e comportamentos. Envie um para até o dia 20 de janeiro,, respondendo: Quem foi o(a) vencedor(a) do Concurso Nacional de Alunos de Cozinha do Senac 2006?? E participe do sorteio do livro Se liga nessa: corpo, emoção, comportamento e saúde. Os vencedores do livro Conversas na cozinha foram: Kelly Mota, do Senac/CE, e Sueli Pez ezente ente de Gouveia, do Senac/SP Outros lançamentos das Editoras Senac Pelo mundo da moda: criadores, grifes e modelos Autora: Lilian Pacce 520 páginas Editora Senac/SP Crustáceos Autora: Danusia Barbara Fotos: Sergio Pagano 200 páginas Editora Senac/RJ Produção de monografia: da teoria à prática Autora: Linda G. Reis 115 páginas Editora Senac/DF nº 678 correio do SENAC NOVEMBRO/DEZEMBRO

20 20 NOVEMBRO/DEZEMBRO 2006 correio do SENAC nº 678

PROGRAMA JOVEM APRENDIZ

PROGRAMA JOVEM APRENDIZ JOVEM APRENDIZ Eu não conhecia nada dessa parte administrativa de uma empresa. Descobri que é isso que eu quero fazer da minha vida! Douglas da Silva Serra, 19 anos - aprendiz Empresa: Sinal Quando Douglas

Leia mais

Autora: MARIA HELENA CAVALCANTI DA SILVA

Autora: MARIA HELENA CAVALCANTI DA SILVA PERSPECTIVAS PARA OS CURSOS TÉCNICOS DO EIXO HOSPITALIDADE E LAZER: um estudo de caso aplicável ao Curso Técnico de Nível Médio em Eventos da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Meio Ambiente de Pernambuco.

Leia mais

Inventar com a diferenca,

Inventar com a diferenca, Inventar com a diferenca, cinema e direitos humanos PATROCÍNIO APOIO REALIZAÇÃO Fundação Euclides da Cunha O que é Inventar com a diferença: cinema e direitos humanos O projeto visa oferecer formação e

Leia mais

RELATÓRIO DAS ATIVIDADES 2004

RELATÓRIO DAS ATIVIDADES 2004 RELATÓRIO DAS ATIVIDADES 2004 1. Palestras informativas O que é ser voluntário Objetivo: O voluntariado hoje, mais do que nunca, pressupõe responsabilidade e comprometimento e para que se alcancem os resultados

Leia mais

APRESENTAÇÃO DO PROJETO e-jovem

APRESENTAÇÃO DO PROJETO e-jovem APRESENTAÇÃO DO PROJETO e-jovem O Projeto e-jovem é uma iniciativa do Governo do Estado do Ceará, por meio da Secretaria da Educação SEDUC, cuja proposta visa oferecer formação em Tecnologia da Informação

Leia mais

INSTRUMENTOS DE DESENVOLVIMENTO DAS MPEs OFERTADOS PELO SEBRAE. Palestra para o Conselho Regional de Administração

INSTRUMENTOS DE DESENVOLVIMENTO DAS MPEs OFERTADOS PELO SEBRAE. Palestra para o Conselho Regional de Administração INSTRUMENTOS DE DESENVOLVIMENTO DAS MPEs OFERTADOS PELO SEBRAE Palestra para o Conselho Regional de Administração 1 O QUE É O SEBRAE? 2 O Sebrae O Serviço de Apoio às Micros e Pequenas Empresas da Bahia

Leia mais

2009, um ano de grandes realizações e conquistas

2009, um ano de grandes realizações e conquistas 2009, um ano de grandes realizações e conquistas 2009 foi um ano de grandes realizações e conquistas para o Serviço Social da Indústria (SESI), entidade que integra o Sistema Federação das Indústrias no

Leia mais

UMA PROPOSTA INOVADORA PARA ENSINAR EMPREENDEDORISMO AOS JOVENS

UMA PROPOSTA INOVADORA PARA ENSINAR EMPREENDEDORISMO AOS JOVENS UMA PROPOSTA INOVADORA PARA ENSINAR EMPREENDEDORISMO AOS JOVENS www.empreende.com.br emp@empreende.com.br FAZENDO ACONTECER Programa de ensino de empreendedorismo inovador em nível mundial, desenvolvido

Leia mais

NOTÍCIAS. Parque da Cidade é o escolhido para grandes eventos em Natal. V.4 - N.4 - Setembro de 2015

NOTÍCIAS. Parque da Cidade é o escolhido para grandes eventos em Natal. V.4 - N.4 - Setembro de 2015 V.4 - N.4 - Setembro de 2015 Vilma Lúcia da Silva 05 Assessora de Comunicação do Parque da Cidade Parque da Cidade é o escolhido para grandes eventos em Natal Só no mês de setembro o Parque da Cidade recebeu

Leia mais

Educação infantil EdiçõEs sm Projeto Educativo sm Educativo Ensino Fundamental i 1º ao 5º ano vida es da América Eir Sabor ação é Eix

Educação infantil EdiçõEs sm Projeto Educativo sm Educativo Ensino Fundamental i 1º ao 5º ano vida es da América Eir Sabor ação é Eix PROjEtO Educativo sm A FunDAçãO SM e o Projeto Educativo sm ilustração do livro Sabores da América ArG MEx CoL dom Pri PEr CHL BrA EsP Países onde a Fundação sm e a sm atuam: Argentina, Brasil, Chile,

Leia mais

Novos negócios no Ceará

Novos negócios no Ceará ---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------- Novos negócios no Ceará No DR Ceará, as oficinas de Estratégia de

Leia mais

A ABEMD trabalha para incentivar, valorizar, desenvolver e difundir o Marketing Direto no Brasil.

A ABEMD trabalha para incentivar, valorizar, desenvolver e difundir o Marketing Direto no Brasil. A ABEMD, Associação Brasileira de Marketing Direto, é uma entidade civil, sem fins lucrativos, fundada em 1976 e constituída por pessoas jurídicas e físicas interessadas na aplicação de estratégias e técnicas

Leia mais

PLANO DE TRABALHO CAMPUS DE FRANCISCO BELTRÃO QUATRIÊNIO 2016-2019

PLANO DE TRABALHO CAMPUS DE FRANCISCO BELTRÃO QUATRIÊNIO 2016-2019 PLANO DE TRABALHO CAMPUS DE FRANCISCO BELTRÃO QUATRIÊNIO 2016-2019 Candidato Gilmar Ribeiro de Mello SLOGAN: AÇÃO COLETIVA Página 1 INTRODUÇÃO Considerando as discussões realizadas com a comunidade interna

Leia mais

METODOLOGIA SEBRAE BAHIA PARA PÓLOS DE EMPREENDEDORISMO CULTURAL

METODOLOGIA SEBRAE BAHIA PARA PÓLOS DE EMPREENDEDORISMO CULTURAL Trabalho apresentado no III ENECULT Encontro de Estudos Multidisciplinares em Cultura, realizado entre os dias 23 a 25 de maio de 2007, na Faculdade de Comunicação/UFBa, Salvador-Bahia-Brasil. METODOLOGIA

Leia mais

Luís Eduardo Magalhães - Bahia

Luís Eduardo Magalhães - Bahia Luís Eduardo Magalhães - Bahia APRESENTAÇÃO O II Festival Gastronômico de Luís Eduardo Magalhães, denominado II LEM Gastronomia, acontecerá de 01 a 04 de outubro de 2015, no Centro de Eventos Nossa Senhora

Leia mais

Projeto Amplitude. Plano de Ação 2015. Conteúdo

Projeto Amplitude. Plano de Ação 2015. Conteúdo Projeto Amplitude Plano de Ação 2015 P r o j e t o A m p l i t u d e R u a C a p i t ã o C a v a l c a n t i, 1 4 7 V i l a M a r i a n a S ã o P a u l o 11 4304-9906 w w w. p r o j e t o a m p l i t u

Leia mais

Reunião do Comitê de Marketing 13 e 14 de janeiro de 2011

Reunião do Comitê de Marketing 13 e 14 de janeiro de 2011 ----------------------------------------------------------------------------------------------------------------- Reunião do Comitê de Marketing 13 e 14 de janeiro de 2011 Memória Presentes: membros do

Leia mais

Empresas descobrem a importância da educação no trabalho e abrem as portas para pedagogos

Empresas descobrem a importância da educação no trabalho e abrem as portas para pedagogos Empresas descobrem a importância da educação no trabalho e abrem as portas para pedagogos Já passou a época em que o pedagogo ocupava-se somente da educação infantil. A pedagogia hoje dispõe de uma vasta

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO - 2014

REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO - 2014 1 FACULDADE DE ESTUDOS SOCIAIS DO ESPÍRITO SANTO PIO XII CURSO DE ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS CURSO DE ADMINISTRAÇÃO EM COMÉRCIO EXTERIOR I INTRODUÇÃO REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO - 2014 O currículo

Leia mais

EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA. Educação que valoriza o seu tempo: presente e futuro

EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA. Educação que valoriza o seu tempo: presente e futuro EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA Educação que valoriza o seu tempo: presente e futuro Educação a Distância Os mesmos professores. A mesma aula. O mesmo diploma. A única diferença é a sala de aula que fica em suas

Leia mais

1. Centro para a Juventude. 199 jovens frequentaram os cursos de:

1. Centro para a Juventude. 199 jovens frequentaram os cursos de: Relatório Despertar 2014 2 Apoiada na crença de que é possível contribuir para o desenvolvimento humano na totalidade dos seus potenciais, a Associação Comunitária Despertar, realiza anualmente ações que

Leia mais

PANORAMA EMPRESARIAL DO TURISMO RURAL BRASILEIRO 2010 TENDÊNCIAS E OPORTUNIDADES

PANORAMA EMPRESARIAL DO TURISMO RURAL BRASILEIRO 2010 TENDÊNCIAS E OPORTUNIDADES PANORAMA EMPRESARIAL DO TURISMO RURAL BRASILEIRO 2010 TENDÊNCIAS E OPORTUNIDADES Organizador Patrocínio Apoio PANORAMA EMPRESARIAL DO TURISMO RURAL BRASILEIRO 2010 O Turismo é uma das maiores fontes de

Leia mais

Minas é... ...tudo isso e muito mais. E o Senac faz parte da história de Minas e do Brasil. São 60 anos preparando o profissional para entrar no mercado de trabalho. Mais de 40 milhões de pessoas

Leia mais

PROJETO DE CIDADANIA

PROJETO DE CIDADANIA PROJETO DE CIDADANIA PROJETO DE CIDADANIA A Anamatra A Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho Anamatra congrega cerca de 3.500 magistrados do trabalho de todo o país em torno de interesses

Leia mais

O Dia D. 12º Prêmio Destaque em Comunicação SINEPE. e a culturalização de um. posicionamento estratégico

O Dia D. 12º Prêmio Destaque em Comunicação SINEPE. e a culturalização de um. posicionamento estratégico O Dia D e a culturalização de um posicionamento estratégico 12º Prêmio Destaque em Comunicação SINEPE Centro Universitário Franciscano uma universidade para suas aspirações Santa Maria é um polo educacional

Leia mais

PROGRAMA NACIONAL DE CAPACITAÇÃO E QUALIFICAÇÃO ABLA

PROGRAMA NACIONAL DE CAPACITAÇÃO E QUALIFICAÇÃO ABLA PROGRAMA NACIONAL DE CAPACITAÇÃO E QUALIFICAÇÃO ABLA Programa Nacional de Capacitação e Qualificação ABLA Convênio nº 635/2007. Objeto: Aumentar a qualidade na prestação de serviços e competitividade dos

Leia mais

Melhor Prática vencedora: Serviços e Equipamentos Turísticos (Capital) Capacitação para profissionais do setor: Manual para Atendimento ao turista

Melhor Prática vencedora: Serviços e Equipamentos Turísticos (Capital) Capacitação para profissionais do setor: Manual para Atendimento ao turista 1 Melhor Prática vencedora: Serviços e Equipamentos Turísticos (Capital) Capacitação para profissionais do setor: Manual para Atendimento ao turista DESTINO: Vitória/ES INSTITUIÇÃO PROMOTORA: Secretaria

Leia mais

Página 1 de 19 Data 04/03/2014 Hora 09:11:49 Modelo Cerne 1.1 Sensibilização e Prospecção Envolve a manutenção de um processo sistematizado e contínuo para a sensibilização da comunidade quanto ao empreendedorismo

Leia mais

Autores: ANNARA MARIANE PERBOIRE DA SILVA, MARIA HELENA CAVALCANTI DA SILVA

Autores: ANNARA MARIANE PERBOIRE DA SILVA, MARIA HELENA CAVALCANTI DA SILVA RELAÇÕES ENTRE A EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA E O SETOR DE HOSPITALIDADE: um estudo de caso aplicável ao curso Técnico de Hospedagem Secretaria de Ciência, Tecnologia e Meio Ambiente de Pernambuco Autores: ANNARA

Leia mais

Diretrizes: 1. Cumprir as metas do Compromisso Todos Pela Educação- TPE

Diretrizes: 1. Cumprir as metas do Compromisso Todos Pela Educação- TPE IV. CÂMARA TEMÁTICA DA EDUCACÃO, CULTURA E DESPORTOS Diretrizes: 1. Cumprir as metas do Compromisso Todos Pela Educação- TPE Meta 1 Toda criança e jovem de 4 a 17 anos na escola; Meta 2 Até 2010, 80% e,

Leia mais

Projeto ViraVida oferece alternativas para jovens e adolescentes em situação de exploração sexual

Projeto ViraVida oferece alternativas para jovens e adolescentes em situação de exploração sexual Projeto ViraVida oferece alternativas para jovens e adolescentes em situação de exploração sexual Desde 2008, o Conselho Nacional do SESI, em parceria com o empresariado, promove a inserção desse público

Leia mais

Faça parte da nossa história! Plano de Patrocínio 2014

Faça parte da nossa história! Plano de Patrocínio 2014 Faça parte da nossa história! Plano de Patrocínio 2014 Sobre a FNQ História Criada em 1991, por um grupo de representantes dos setores público e privado, a Fundação Nacional da Qualidade (FNQ) procura

Leia mais

CENTRO BRASILEIRO DE REFERÊNCIA EM TECNOLOGIA SOCIAL INSTITUTO DE TECNOLOGIA SOCIAL

CENTRO BRASILEIRO DE REFERÊNCIA EM TECNOLOGIA SOCIAL INSTITUTO DE TECNOLOGIA SOCIAL CENTRO BRASILEIRO DE REFERÊNCIA EM TECNOLOGIA SOCIAL INSTITUTO DE TECNOLOGIA SOCIAL Curso: Tecnologia Social e Educação: para além dos muros da escola Resumo da experiência de Avaliação do Programa "Apoio

Leia mais

5 201 O LI Ó RTF PO 1

5 201 O LI Ó RTF PO 1 1 PORTFÓLIO 2015 Um pouco da trajetória do Colégio Ação1 QUANDO TUDO COMEÇOU 1993 Experientes profissionais fundaram, no bairro do Méier, a primeira unidade da rede Ação1. O foco do trabalho era a preparação

Leia mais

AÇÕES DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL 1. FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA OU QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL

AÇÕES DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL 1. FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA OU QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL GLOSSÁRIO EDUCAÇÃO PROFISSIONAL SENAC DIRETORIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL RIO DE JANEIRO NOVEMBRO/2009 AÇÕES DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL Ações educativas destinadas ao desenvolvimento de competências necessárias

Leia mais

Área de Comunicação. Tecnologia em. Produção Multimídia

Área de Comunicação. Tecnologia em. Produção Multimídia Área de Comunicação Produção Multimídia Curta Duração Produção Multimídia Carreira em Produção Multimídia O curso superior de Produção Multimídia da FIAM FAAM forma profissionais preparados para o mercado

Leia mais

Relat a óri r o Despert r ar r 2 013

Relat a óri r o Despert r ar r 2 013 Relatório Despertar 2013 2 Apoiada na crença de que é possível contribuir para o desenvolvimento humano na totalidade dos seus potenciais, a Associação Comunitária Despertar, realiza anualmente ações que

Leia mais

DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS HUMANAS CURSO DE SERVIÇO SOCIAL PLANO DE ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO PARA ESTUDANTES DO CURSO DE SERVIÇO SOCIAL

DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS HUMANAS CURSO DE SERVIÇO SOCIAL PLANO DE ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO PARA ESTUDANTES DO CURSO DE SERVIÇO SOCIAL DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS HUMANAS CURSO DE SERVIÇO SOCIAL PLANO DE ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO PARA ESTUDANTES DO CURSO DE SERVIÇO SOCIAL INTRODUÇÃO O estágio curricular obrigatório é aquele definido

Leia mais

Sumário. I. Apresentação do Manual. II. A Prevenção de Acidentes com Crianças. III. Programa CRIANÇA SEGURA Pedestre

Sumário. I. Apresentação do Manual. II. A Prevenção de Acidentes com Crianças. III. Programa CRIANÇA SEGURA Pedestre Sumário I. Apresentação do Manual II. A Prevenção de Acidentes com Crianças III. Programa CRIANÇA SEGURA Pedestre IV. Como a Educação pode contribuir para a Prevenção de Acidentes no Trânsito V. Dados

Leia mais

POLÍTICAS DE EDUCAÇÃO CORPORATIVA - NOR 350

POLÍTICAS DE EDUCAÇÃO CORPORATIVA - NOR 350 MANUAL DE GESTÃO DE PESSOAS COD. 300 ASSUNTO: POLÍTICAS DE EDUCAÇÃO CORPORATIVA APROVAÇÃO: Resolução DIREX nº 462, de 10/09/2012. VIGÊNCIA: 10/09/2012 POLÍTICAS DE EDUCAÇÃO CORPORATIVA - NOR 350 1/6 ÍNDICE

Leia mais

Sobre o Movimento é uma ação de responsabilidade social digital pais (família), filhos (jovem de 6 a 24 anos), escolas (professores e diretores)

Sobre o Movimento é uma ação de responsabilidade social digital pais (família), filhos (jovem de 6 a 24 anos), escolas (professores e diretores) 1 Sobre o Movimento O Movimento é uma ação de responsabilidade social digital; Visa a formação de usuários digitalmente corretos Cidadania Digital, através de uma campanha de conscientização direcionada

Leia mais

SAIBA MAIS SOBRE O CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GASTRONOMIA

SAIBA MAIS SOBRE O CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GASTRONOMIA SAIBA MAIS SOBRE O CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GASTRONOMIA Coordenação do Curso Superior de Tecnologia em Gastronomia Universidade de Santa Cruz do Sul. Localização: Avenida Independência, nº2293,

Leia mais

PRÊMIO ABF- AFRAS. Destaque em Responsabilidade Social WWW.DEPYLACTION.COM.BR. Elaborado por:

PRÊMIO ABF- AFRAS. Destaque em Responsabilidade Social WWW.DEPYLACTION.COM.BR. Elaborado por: PRÊMIO ABF- AFRAS Destaque em Responsabilidade Social Elaborado por: Depyl Action Franchising Av. Bias Fortes, 932 sl. 304 Lourdes CEP: 30170-011 Belo Horizonte / MG Fone: 31 3222-7701 Belo Horizonte,

Leia mais

Programas de Aulas de Língua Inglesa para Adolescentes de Baixa Renda e a Possível Influência na Qualidade de Vida

Programas de Aulas de Língua Inglesa para Adolescentes de Baixa Renda e a Possível Influência na Qualidade de Vida 3 Programas de Aulas de Língua Inglesa para Adolescentes de Baixa Renda e a Possível Influência na Qualidade de Vida Ana Paula Cavallaro Pedagoga Especialista em Gestão da Qualidade de Vida - UNICAMP INTRODUÇÃO

Leia mais

O caminho para o sucesso. Promovendo o desenvolvimento para além da universidade

O caminho para o sucesso. Promovendo o desenvolvimento para além da universidade O caminho para o sucesso Promovendo o desenvolvimento para além da universidade Visão geral Há mais de 40 anos, a Unigranrio investe em ensino diferenciado no Brasil para cumprir com seu principal objetivo

Leia mais

Área de Comunicação. Tecnologia em. Produção Publicitária

Área de Comunicação. Tecnologia em. Produção Publicitária Área de Comunicação Tecnologia em Produção Publicitária Curta Duração Tecnologia em Produção Publicitária CARREIRA EM PRODUÇÃO PUBLICITÁRIA Nos últimos anos, a globalização da economia e a estabilização

Leia mais

Lúmini Art Centro de Pesquisa, Cultura e Ação Social. O Projeto Social Luminando

Lúmini Art Centro de Pesquisa, Cultura e Ação Social. O Projeto Social Luminando Lúmini Art Centro de Pesquisa, Cultura e Ação Social O Projeto Social Luminando O LUMINANDO O Luminando surgiu como uma ferramenta de combate à exclusão social de crianças e adolescentes de comunidades

Leia mais

Veículo: Site Catho Data: 18/09/2009

Veículo: Site Catho Data: 18/09/2009 Veículo: Site Catho Data: 18/09/2009 Seção: Estilo&Gestão RH Pág.: www.catho.com.br Assunto: Entrevista Marly Vidal Marly Macedo ajuda a Sabin a ser uma das melhores empresas para trabalhar Tatiana Aude

Leia mais

Planejamento Estratégico para Escritórios de Advocacia ESCOLA DE DIREITO DE SÃO PAULO DA FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS 1º SEMESTRE DE 2012

Planejamento Estratégico para Escritórios de Advocacia ESCOLA DE DIREITO DE SÃO PAULO DA FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS 1º SEMESTRE DE 2012 Planejamento Estratégico para Escritórios de Advocacia ESCOLA DE DIREITO DE SÃO PAULO DA FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS 1º SEMESTRE DE 2012 FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS A Fundação Getulio Vargas (FGV) deu início a

Leia mais

Data: 23 e 24 de maio de 2013 Horário: 08h00-17h00 Centro de Convenções Rebouças. Av. Rebouças, 600 (estacionamento) Av. Dr.

Data: 23 e 24 de maio de 2013 Horário: 08h00-17h00 Centro de Convenções Rebouças. Av. Rebouças, 600 (estacionamento) Av. Dr. Data: 23 e 24 de maio de 2013 Horário: 08h00-17h00 Centro de Convenções Rebouças. Av. Rebouças, 600 (estacionamento) Av. Dr. Enéas de Carvalho Aguiar, 23 (portaria 1) Cerqueira Cesar São Paulo - SP Todos

Leia mais

Veículo: Site Estilo Gestão RH Data: 03/09/2008

Veículo: Site Estilo Gestão RH Data: 03/09/2008 Veículo: Site Estilo Gestão RH Data: 03/09/2008 Seção: Entrevista Pág.: www.catho.com.br SABIN: A MELHOR EMPRESA DO BRASIL PARA MULHERES Viviane Macedo Uma empresa feita sob medida para mulheres. Assim

Leia mais

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA. MEMÓRIA: Reunião Preparatória do Comitê Temático de Inovação e Crédito GT Rede de Disseminação, Informação e Capacitação

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA. MEMÓRIA: Reunião Preparatória do Comitê Temático de Inovação e Crédito GT Rede de Disseminação, Informação e Capacitação PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA Secretaria da Micro e Pequena Empresa Fórum Permanente de Microempresas e Empresas de Pequeno Porte MEMÓRIA: Reunião Preparatória do Comitê Temático de Inovação e Crédito GT Rede

Leia mais

Curso de Formação Pedagógica para Docentes da FEI. Coordenação Prof. Dr. Marcos T. Masetto

Curso de Formação Pedagógica para Docentes da FEI. Coordenação Prof. Dr. Marcos T. Masetto Curso de Formação Pedagógica para Docentes da FEI Coordenação Prof. Dr. Marcos T. Masetto 1 Curso de Formação Pedagógica para Docentes da FEI Professor Doutor Marcos T. Masetto Objetivos Desenvolver competências

Leia mais

FACULDADE REDENTOR ITAPERUNA RJ

FACULDADE REDENTOR ITAPERUNA RJ RESULTADOS DA PESQUISA DE PERCEPÇÃO E SATISFAÇÃO DOS CURSOS DE: MBA - GESTÃO ESTRATÉGICA DOS NEGÓCIOS MBA - GESTÃO ESTRATÉGICA COM PESSOAS FACULDADE REDENTOR 2012 ITAPERUNA RJ MODELO DA PESQUISA DE SATISFAÇÃO

Leia mais

RELATÓRIO SÍNTESE DA CPA (COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO) - 2014

RELATÓRIO SÍNTESE DA CPA (COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO) - 2014 A CPA (Comissão Própria De Avaliação) apresentou ao MEC, em março de 2015, o relatório da avaliação realizada no ano de 2014. A avaliação institucional, realizada anualmente, aborda as dimensões definidas

Leia mais

Planejamento Estratégico 2007 2008. Quatro Projetos da Equipe 1

Planejamento Estratégico 2007 2008. Quatro Projetos da Equipe 1 Planejamento Estratégico 2007 2008 Objetivo Estratégico: Estimular criação / desenvolvimento e fortalecimento de programas estaduais e setoriais. Quatro Projetos da Equipe 1 revisão em 26/09/2007 Missão:

Leia mais

QUANDO TODO MUNDO JOGA JUNTO, TODO MUNDO GANHA!

QUANDO TODO MUNDO JOGA JUNTO, TODO MUNDO GANHA! QUANDO TODO MUNDO JOGA JUNTO, TODO MUNDO GANHA! NOSSA VISÃO Um mundo mais justo, onde todas as crianças e todos os adolescentes brincam, praticam esportes e se divertem de forma segura e inclusiva. NOSSO

Leia mais

FACULDADE REDENTOR NUCLEO DE APOIO EMPRESARIAL CURSO DE ADMINISTRAÇÃO

FACULDADE REDENTOR NUCLEO DE APOIO EMPRESARIAL CURSO DE ADMINISTRAÇÃO FACULDADE REDENTOR NUCLEO DE APOIO EMPRESARIAL CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Justificativa: As transformações ocorridas nos últimos anos têm obrigado as organizações a se modificarem constantemente e de forma

Leia mais

Inscrições abertas para edital com foco em crianças e adolescentes

Inscrições abertas para edital com foco em crianças e adolescentes Financiamento e apoio técnico Inscrições abertas para edital com foco em crianças e adolescentes A Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR) e o Conselho Nacional dos Direitos

Leia mais

coleção Conversas #17 - DEZEMBRO 2014 - u s a r Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça.

coleção Conversas #17 - DEZEMBRO 2014 - u s a r Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. coleção Conversas #17 - DEZEMBRO 2014 - Sou so profes r a, Posso m a s n ão parar d aguento m e ai ensinar s? d a r a u la s Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. A

Leia mais

RELATÓRIO DAS ATIVIDADES 2003

RELATÓRIO DAS ATIVIDADES 2003 RELATÓRIO DAS ATIVIDADES 2003 1. Palestras informativas O que é ser voluntário Objetivo: O voluntariado hoje, mais do que nunca, pressupõe responsabilidade e comprometimento e para que se alcancem os resultados

Leia mais

Campus Aloysio Faria. Campus BH. Campus SP. Campus RJ. Av. Princesa Diana, 760 Alphaville Lagoa dos Ingleses 34000-000 Nova Lima MG Brasil

Campus Aloysio Faria. Campus BH. Campus SP. Campus RJ. Av. Princesa Diana, 760 Alphaville Lagoa dos Ingleses 34000-000 Nova Lima MG Brasil Campus Aloysio Faria Av. Princesa Diana, 760 Alphaville Lagoa dos Ingleses 34000-000 Nova Lima MG Brasil Campus BH Rua Bernardo Guimarães, 3.071 Santo Agostinho 30140-083 Belo Horizonte MG Brasil Campus

Leia mais

A Escola. Com uma média de 1.800 alunos por mês, a ENAP oferece cursos presenciais e a distância

A Escola. Com uma média de 1.800 alunos por mês, a ENAP oferece cursos presenciais e a distância A Escola A ENAP pode contribuir bastante para enfrentar a agenda de desafios brasileiros, em que se destacam a questão da inclusão e a da consolidação da democracia. Profissionalizando servidores públicos

Leia mais

Plano de Trabalho e Projeto Político-Pedagógico da Escola Legislativa de Araras

Plano de Trabalho e Projeto Político-Pedagógico da Escola Legislativa de Araras Plano de Trabalho e Projeto Político-Pedagógico da Escola Legislativa de Araras 1. Introdução O Projeto Político-Pedagógico da Escola Legislativa de Araras foi idealizado pelo Conselho Gestor da Escola,

Leia mais

Comunidade Solidária: parcerias contra a pobreza

Comunidade Solidária: parcerias contra a pobreza Comunidade Solidária: parcerias contra a pobreza OConselho da Comunidade Solidária foi criado em 1995 com base na constatação de que a sociedade civil contemporânea se apresenta como parceira indispensável

Leia mais

Apoio: BIT Company Franchising Rua Fidêncio Ramos, 223 conj. 131 13º andar Vila Olimpia

Apoio: BIT Company Franchising Rua Fidêncio Ramos, 223 conj. 131 13º andar Vila Olimpia Nome da empresa: BIT Company Data de fundação: Julho de 1993 Número de funcionários: 49 funcionários Localização (cidade e estado em que estão sede e franquias): Sede em São Paulo, com franquias em todo

Leia mais

RELATÓRIO DE TRABALHO DOCENTE OUTUBRO DE 2012 EREM JOAQUIM NABUCO

RELATÓRIO DE TRABALHO DOCENTE OUTUBRO DE 2012 EREM JOAQUIM NABUCO UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PERNAMBUCO PIBID PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA CÍCERO WILLIAMS DA SILVA EMERSON LARDIÃO DE SOUZA MARIA DO CARMO MEDEIROS VIEIRA ROBERTO GOMINHO DA SILVA

Leia mais

PERGUNTAS FREQUENTES SOBRE O PARFOR

PERGUNTAS FREQUENTES SOBRE O PARFOR PERGUNTAS FREQUENTES SOBRE O PARFOR 1. Como são os cursos ofertados pela plataforma freire e quais os benefícios para os professores que forem selecionados? O professor sem formação poderá estudar nos

Leia mais

Estratégia de fortalecimento dos Pequenos Negócios Maria Aparecida Bogado

Estratégia de fortalecimento dos Pequenos Negócios Maria Aparecida Bogado Estratégia de fortalecimento dos Pequenos Negócios Maria Aparecida Bogado Consultor Sebrae Nacional PARCERIAS MPOG - Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão/SLTI CONSAD Conselho Nacional de Secretários

Leia mais

PROPOSTA PEDAGOGICA CENETEC Educação Profissional. Índice Sistemático. Capitulo I Da apresentação...02. Capitulo II

PROPOSTA PEDAGOGICA CENETEC Educação Profissional. Índice Sistemático. Capitulo I Da apresentação...02. Capitulo II Índice Sistemático Capitulo I Da apresentação...02 Capitulo II Dos objetivos da proposta pedagógica...02 Capitulo III Dos fundamentos da proposta pedagógica...02 Capitulo IV Da sinopse histórica...03 Capitulo

Leia mais

RESGATE DOS ENCONTROS ANTERIORES

RESGATE DOS ENCONTROS ANTERIORES RESGATE DOS ENCONTROS ANTERIORES I ENCONTRO NACIONAL DE FORMAÇÃO ENAFOR, 24 a 28 de outubro de 2005 160 participantes da CONTAG e de 26 Federações (incluindo FETADFE) Mote: Construindo uma Política Nacional

Leia mais

Prioridades para o PA 2014 Comunidade Externa. Câmpus Restinga Junho, 2013. Desenvolvimento Institucional

Prioridades para o PA 2014 Comunidade Externa. Câmpus Restinga Junho, 2013. Desenvolvimento Institucional Prioridades para o PA 2014 Comunidade Externa Câmpus Restinga Junho, 2013 Desenvolvimento Institucional APRESENTAÇÃO O presente relatório deve ser considerado como um Anexo ao Diagnóstico das Prioridades

Leia mais

FECOMÉRCIO VEÍCULO: NOVO JORNAL DATA: 02.12.15 EDITORIA: NOTAS DA REDAÇÃO

FECOMÉRCIO VEÍCULO: NOVO JORNAL DATA: 02.12.15 EDITORIA: NOTAS DA REDAÇÃO FECOMÉRCIO VEÍCULO: NOVO JORNAL DATA: 02.12.15 EDITORIA: NOTAS DA REDAÇÃO VEÍCULO: NATAL NOTÍCIAS DATA: 02.12.15 01 Dez 2015 Presidente Marcelo Queiroz participa da 17ª Convenção do Comércio e Serviços

Leia mais

MOVIMENTO LONDRINA CRIATIVA

MOVIMENTO LONDRINA CRIATIVA MOVIMENTO LONDRINA CRIATIVA Mostra Local de: Londrina Categoria do projeto: I Projetos em Implantação (projetos que estão em fase inicial) Nome da Instituição/Empresa: "Profissional Autonoma Abril 2009

Leia mais

PLANO DE AÇÃO FÓRUM DO MUNICÍPIO QUE EDUCA

PLANO DE AÇÃO FÓRUM DO MUNICÍPIO QUE EDUCA PLANO DE AÇÃO FÓRUM DO MUNICÍPIO QUE EDUCA PROPOSTA DE AÇÃO Criar um fórum permanente onde representantes dos vários segmentos do poder público e da sociedade civil atuem juntos em busca de uma educação

Leia mais

Esporte como fator de inclusão de jovens na sociedade FGR: Gustavo:

Esporte como fator de inclusão de jovens na sociedade FGR: Gustavo: Esporte como fator de inclusão de jovens na sociedade Entrevista cedida à FGR em Revista por Gustavo de Faria Dias Corrêa, Secretário de Estado de Esportes e da Juventude de Minas Gerais. FGR: A Secretaria

Leia mais

CBA. Comércio Internacional PÚBLICO-ALVO COMPLEMENTAÇÃO ACADÊMICA MATERIAL DIDÁTICO. Internacional. Comércio

CBA. Comércio Internacional PÚBLICO-ALVO COMPLEMENTAÇÃO ACADÊMICA MATERIAL DIDÁTICO. Internacional. Comércio CBA Comércio Internacional Comércio Internacional A intensidade das relações comerciais e produtivas das empresas no atual contexto econômico tem exigido das empresas um melhor entendimento da complexidade

Leia mais

II. Atividades de Extensão

II. Atividades de Extensão REGULAMENTO DO PROGRAMA DE EXTENSÃO I. Objetivos A extensão tem por objetivo geral tornar acessível, à sociedade, o conhecimento de domínio da Faculdade Gama e Souza, seja por sua própria produção, seja

Leia mais

PROGRAMAs de. estudantil

PROGRAMAs de. estudantil PROGRAMAs de empreendedorismo e protagonismo estudantil Ciclo de Palestras MAGNUM Vale do Silício App Store Contatos Calendário Fotos Safari Cumprindo sua missão de oferecer uma educação inovadora e de

Leia mais

Faça parte da nossa história! Plano de Patrocínio 2º semestre 2014

Faça parte da nossa história! Plano de Patrocínio 2º semestre 2014 Faça parte da nossa história! Plano de Patrocínio 2º semestre 2014 Sobre a FNQ História Criada em 1991, por um grupo de representantes dos setores público e privado, a Fundação Nacional da Qualidade (FNQ)

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico Etec Etec: MONSENHOR ANTONIO MAGLIANO Código: 088 Município: GARÇA SP Eixo Tecnológico: GESTÃO E NEGÓCIOS Habilitação Profissional: TÉCNICA EM NÍVEL MÉDIO

Leia mais

FACULDADE METODISTA DE BIRIGUI REGIMENTO DO NÚCLEO DE EXTENSÃO EMPRESARIAL (NEXEM)

FACULDADE METODISTA DE BIRIGUI REGIMENTO DO NÚCLEO DE EXTENSÃO EMPRESARIAL (NEXEM) FACULDADE METODISTA DE BIRIGUI REGIMENTO DO NÚCLEO DE EXTENSÃO EMPRESARIAL (NEXEM) A extensão é o processo educativo, cultural e científico que articula, amplia, desenvolve e reforça o ensino e a pesquisa,

Leia mais

RELATÓRIO DA OFICINA DE PAÍSES FEDERATIVOS E DA AMÉRICA DO NORTE. (Apresentado pelo Brasil)

RELATÓRIO DA OFICINA DE PAÍSES FEDERATIVOS E DA AMÉRICA DO NORTE. (Apresentado pelo Brasil) TERCEIRA REUNIÃO DE MINISTROS E AUTORIDADES DE OEA/Ser.K/XXXVII.3 ALTO NÍVEL RESPONSÁVEIS PELAS POLÍTICAS DE REDMU-III/INF. 4/05 DESCENTRALIZAÇÃO, GOVERNO LOCAL E PARTICIPAÇÃO 28 outubro 2005 DO CIDADÃO

Leia mais

MANUAL DE ORIENTAÇÕES

MANUAL DE ORIENTAÇÕES MANUAL DE ORIENTAÇÕES Programa Direito e Cidadania Prezados parceiros e colaboradores É com grande satisfação que o (a) convidamos a participar do Programa Direito e Cidadania edição 2014, desenvolvido

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO / BACHARELADO

ADMINISTRAÇÃO / BACHARELADO ADMINISTRAÇÃO / BACHARELADO Dos cursos mais procurados pelos estudantes, o de Administração é um dos mais novos. Enquanto Medicina e Direito formam profissionais desde o século 19, foi apenas em 1946 que

Leia mais

PROGRAMA MUNICIPAL DE VOLUNTARIADO INTERNACIONAL

PROGRAMA MUNICIPAL DE VOLUNTARIADO INTERNACIONAL PROGRAMA MUNICIPAL DE VOLUNTARIADO INTERNACIONAL SECRETARIA MUNICIPAL ADJUNTA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS SECRETARIA MUNICIPAL ADJUNTA DE RECURSOS HUMANOS O PROGRAMA O Programa Municipal de Voluntariado

Leia mais

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MARKETING PROJETO INTEGRADOR

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MARKETING PROJETO INTEGRADOR CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MARKETING PROJETO INTEGRADOR PROJETO INTEGRADOR 1. INTRODUÇÃO Conforme as diretrizes do Projeto Pedagógico dos Cursos Superiores de Tecnologia da Faculdade Unida de Suzano

Leia mais

GOVERNO DE SERGIPE SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA REGIONAL DE EDUCAÇÃO DRE 3 COLÉGIO ESTADUAL DJENAL TAVARES DE QUEIROZ MOITA BONITA SE

GOVERNO DE SERGIPE SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA REGIONAL DE EDUCAÇÃO DRE 3 COLÉGIO ESTADUAL DJENAL TAVARES DE QUEIROZ MOITA BONITA SE GOVERNO DE SERGIPE SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA REGIONAL DE EDUCAÇÃO DRE 3 COLÉGIO ESTADUAL DJENAL TAVARES DE QUEIROZ MOITA BONITA SE O Colégio Estadual Djenal Tavares de Queiroz, foi fundado

Leia mais

PLANO SETORIAL DE DANÇA. DOCUMENTO BASE: Secretaria de Políticas Culturais - SPC Fundação Nacional de Artes FUNARTE Câmaras Setoriais de Dança

PLANO SETORIAL DE DANÇA. DOCUMENTO BASE: Secretaria de Políticas Culturais - SPC Fundação Nacional de Artes FUNARTE Câmaras Setoriais de Dança PLANO SETORIAL DE DANÇA DOCUMENTO BASE: Secretaria de Políticas Culturais - SPC Fundação Nacional de Artes FUNARTE Câmaras Setoriais de Dança MARÇO DE 2009 CAPÍTULO I DO ESTADO FORTALECER A FUNÇÃO DO ESTADO

Leia mais

CONSELHO DE CLASSE DICIONÁRIO

CONSELHO DE CLASSE DICIONÁRIO CONSELHO DE CLASSE O Conselho de Classe é um órgão colegiado, de cunho decisório, presente no interior da organização escolar, responsável pelo processo de avaliação do desempenho pedagógico do aluno.

Leia mais

I CIPPEB - CONGRESSO INTERNACIONAL DE PRÁTICAS PEDAGÓGICAS DA EDUCAÇÃO BÁSICA RELATO DE EXPERIÊNCIA

I CIPPEB - CONGRESSO INTERNACIONAL DE PRÁTICAS PEDAGÓGICAS DA EDUCAÇÃO BÁSICA RELATO DE EXPERIÊNCIA RELATO DE EXPERIÊNCIA SEMANA DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO: UMA PRÁTICA PEDAGÓGICA Mestranda Rita Aparecida Nunes de Souza da Luz PROGEPE UNINOVE Resumo O objetivo desse trabalho é relatar a experiência

Leia mais

Universidade Anhembi Morumbi On-line. Os mesmos professores. A mesma aula. O mesmo diploma. Tudo a um clique de você.

Universidade Anhembi Morumbi On-line. Os mesmos professores. A mesma aula. O mesmo diploma. Tudo a um clique de você. Universidade Anhembi Morumbi On-line. Os mesmos professores. A mesma aula. O mesmo diploma. Tudo a um clique de você. Educação a Distância Anhembi Morumbi Agora você pode estudar em uma universidade internacional

Leia mais

ESPORTE NÃO É SÓ PARA ALGUNS, É PARA TODOS! Esporte seguro e inclusivo. Nós queremos! Nós podemos!

ESPORTE NÃO É SÓ PARA ALGUNS, É PARA TODOS! Esporte seguro e inclusivo. Nós queremos! Nós podemos! ESPORTE NÃO É SÓ PARA ALGUNS, É PARA TODOS! Esporte seguro e inclusivo. Nós queremos! Nós podemos! Documento final aprovado por adolescentes dos Estados do Amazonas, da Bahia, do Ceará, do Mato Grosso,

Leia mais

ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS São Paulo

ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS São Paulo Av. Princesa Diana, 760 34000-000 Nova Lima MG Campus Aloysio Faria Av. Princesa Diana, 760 Alphaville Lagoa dos Ingleses 34000-000 Nova Lima MG Brasil Campus BH Rua Bernardo Guimarães, 3.071 Santo Agostinho

Leia mais

Especialização em Gestão Estratégica de Projetos Sociais

Especialização em Gestão Estratégica de Projetos Sociais Especialização em Gestão Estratégica de Apresentação CAMPUS COMÉRCIO Inscrições Abertas Turma 02 --> Início Confirmado: 07/06/2013 últimas vagas até o dia: 05/07/2013 O curso de Especialização em Gestão

Leia mais

Rede de Responsabilidade Social Empresarial pela Sustentabilidade

Rede de Responsabilidade Social Empresarial pela Sustentabilidade Rede de Responsabilidade Social Empresarial pela Sustentabilidade Existe a compreensão evidente por parte das lideranças empresariais, agentes de mercado e outros formadores de opinião do setor privado

Leia mais

Boletim Fecomércio - TO

Boletim Fecomércio - TO SENAC traz ao Tocantins Projeto Talentos do Brasil Um projeto nacional, que foi criado para estimular a troca de conhecimentos entre cooperativas e grupos de artesãs de todo o Brasil, gerando emprego e

Leia mais

Plano de Ação. Colégio Estadual Ana Teixeira. Caculé - Bahia Abril, 2009.

Plano de Ação. Colégio Estadual Ana Teixeira. Caculé - Bahia Abril, 2009. Plano de Ação Colégio Estadual Ana Teixeira Caculé - Bahia Abril, 2009. IDENTIFICAÇÃO DA UNIDADE ESCOLAR Unidade Escolar: Colégio Estadual Ana Teixeira Endereço: Av. Antônio Coutinho nº 247 bairro São

Leia mais

INSTITUTO LOJAS RENNER

INSTITUTO LOJAS RENNER 2011 RELATÓRIO DE ATIVIDADES INSTITUTO LOJAS RENNER Instituto Lojas Renner Inserção de mulheres no mercado de trabalho, formação de jovens e desenvolvimento da comunidade fazem parte da essência do Instituto.

Leia mais