Direcionalidade do Programa de Reforma Agrária

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Direcionalidade do Programa de Reforma Agrária"

Transcrição

1 Programação Operacional ano

2 Direcionalidade do Programa de Reforma Agrária Política de Governo II Plano Nacional de Reforma Agrária Assentamento Novas Famílias Regularização Fundiária Recup. E Qualificação de PA existentes Planos Regionais de Reforma Agrária Programações Operacionais anuais

3 II PNRA Novas Famílias sobre a terra TOTAL II PNRA GOVERNO LULA ASSENTAMENTOS REGULARIZAÇÃO FUNDIÁRIA

4 Cenário Nacional ano

5 Assentamento de Famílias ** Fonte Relatório de Gestão 2000 a 2003/ ** Meta do PNRA para 2005

6 Brasil / Famílias Assentadas REGIÃO NORTE (34,5% do total) REGIÃO NORDESTE (33,1% do total) REGIÃO CENTRO-OESTE (17,8% do total) REGIÃO SUL (8,6% do total) REGIÃO SUDESTE (6% do total)

7 Cenários para a questão agrária em 2005 O Governo mantém a busca de melhoria dos indicadores econômicos através do controle: da inflação; juros; contas públicas; risco-país, com vistas à estabilidade e ao crescimento econômico Queda de preço da soja no mercado mundial, provocada por super safra nos Estados Unidos. Pressão do agronegócio na busca de terras aptas e baratas de forma a compensar a elevação dos custos agrícolas

8 Cenários para a questão agrária em 2005 Estabilização do mercado de terras,com manutenção dos preços em patamar elevado Manutenção de posição contrária a Reforma Agrária de alguns setores no Congresso Nacional, com a busca da criminalização dos trabalhadores rurais sem-terra Intensificação da pressão dos Governos Estaduais e bancadas de parlamentares na liberação para regularização das terras da União

9 Cenários para a questão agrária em 2005 O Governo mantém a continuidade na gestão dos recursos orçamentários através de liberações graduais de movimentação de recursos Aumento da carga de controle e cobranças no que tange aos gastos públicos Manutenção do apoio governamental à política de Reforma Agrária, com a garantia de aporte de recursos suplementares ao programa Movimentos Sociais ampliam as pressões,com manifestações e incremento na luta pela posse da terra Maior cobrança da sociedade quanto aos resultados alcançados no II PNRA e PRRA

10 Cenário Regional ano

11 Cenários para a questão agrária em 2005 Grande expansão do setor madeireiro comprometendo as ações de Reforma Agrária; Recrudescimento da violência contra lideranças de trabalhadores rurais; Novo marco regulatório sobre a Gestão de Florestas Públicas; Intensificação das ações de combate ao círculo vicioso de apropriação irregular de terras públicas;

12 Indicadores Regionais SR-01 / Pará ano

13 Mapa áreas públicas/reservas/indios

14 Relaçãos públicas/reservas/indios

15 Mapa áreas públicas/reservas/indios/assentam entos

16 Relação assentamentos

17 Mapa áreas públicas/reservas/indios/assentam entos/acampamentos

18 Relação acampamentos

19 Mapa áreas públicas/reservas/indios/assentam entos/acampamentos/unidades do INCRA

20 Unidades Avançadas do INCRA 1 - UA Santarém 2 - UA Altamira 3 - UA Rurópolis 4 - UA Monte Alegre 5 - UA Cachimbo 6 - UA Capitão Poço 7 - UA Tomé-Açu 8 - UA Paragominas

21 Mapa áreas públicas/reservas/indios/assentam entos/acampamentos/unidades do INCRA/territórios MDA

22 Áreas de atuação / MDA =>Nordeste Paraense > Municípios Aurora do Pará, Cachoeira do Piriá, Capitão Poço, Dom Eliseu, Garrafão do Norte, Ipixuma, Ipixuma do Pará, Mãe do Rio, Nova Esperança, Ourém, Santa Luiza do Pará, São Domingos do Capim, São Miguel do Guamá, Paragominas e Ulianópolis =>Transamazônica > Municípios Altamira, Anapu, Brasil Novo, Medicilândia, Placas, Pacajá, Porto de Moz, Rurópolis, Senador José Porfírio, Uruará e Vitória do Xingu =>Baixo Amazonas > Municípios Alenquer, Belterra, Curuá, Juruti, Monte Alegre, Óbidos, Oriximiná, Prainha e Santarém

23 Desafios SR-01 / Pará ano

24 Declarar e mapear focos de tensão

25 Área de Influência da BR-163 Área de Influência da Belém Brasília Oeste do Pará (Reg. Fundiária) Áreas de acampamento Nordeste Áreas de acampamento Nordeste Paraense

26 Linhas de Ações SR-01 / (jurisdição Belém) ano

27 Descrição das linhas de ação visando distencionar ou solucionar os focos de tensão

28 Programação Operacional 2005 SR-01 / (jurisdição Belém)

29 Marco Lógico da PO 2005 Orientações de Governo PPA-2004/2007 II PNRA PRRA LDO 2005 LOA-2005 Espaço de Formulação da Proposta Diretrizes Estratégicas e Operacionais Orientações, Parâmetros e Critérios Técnicos Definição de Metas Físicas e Limites Orçamentários por SR Espaço de Participação e Definição de Metas I Encontro Nacional de Superintendentes Regionais Pactuação de metas. Reunião com entidades Representativas da Unidade da Federação PO 2005 Detalhada/Aprovada

30 Diretrizes Estratégicas A Reforma Agraria e um instrumento de desenvolvimento sustentável do País A Reforma Agraria sera implementada de forma participativa Reforma Agraria sera implementada de forma a assegurar o cumprimento da função social da propriedade; A Reforma Agraria promovera a democratização do acesso a terra, garantia da soberania alimentar, a geraçao emprego e renda, mudança no modelo de desenvolvimento do meio rural e a inclusão social A Reforma Agrária, respeitará as diversidades ambientais

31 Diretrizes Estratégicas A Reforma Agrária utilizará o sistema de licenciamento como instrumento de gestão ambiental A Reforma Agrária será centrada na definição de territóriosrios estabelecidos pela Secretaria de Ordenamento Territorial SDT e áreas prioritárias definidas pelas Superintendências Regionais; A Reforma Agrária será implementada utilizando a desapropriação por interesse social como instrumento principal de obtenção de terras; A Reforma Agrária promoverá o fortalecimento de parcerias entre as instituições governamentais e não-governamentais; A Reforma Agrária será implementada de forma a reduzir a violência no campo, garantindo os direitos humanos no campo, promovendo a paz e a justiça social;

32 Diretrizes Estratégicas A Reforma Agrária contribuirá para a igualdade de gênero, raça e etnia. A Reforma Agrária deverá promover o nível de escolaridade formal dos trabalhadores e trabalhadoras rurais. A Reforma Agrária respeitará as tradições, costumes e conhecimentos endógenos de que são dotadas as famílias assentadas, contribuindo para a promoção do desenvolvimento sustentável; A Reforma Agrária garantirá desde a implantação do projeto de assentamento uma assessoria técnica, social e ambiental.

33 Critérios para distribuição de metas e recursos

34 Assentamento de Trabalhadores Rurais - PRRA s Recursos distribuídos proporcionalmente à participação percentual de cada SR na meta de assentamento Brasil considerando um custo de INFRA de R$ 5.500,00/família e PDA/Topografia R$ 600,00/família

35 Obtenção de Terras - PRRA s Área a ser obtida segundo a meta de assentamento Área a ser obtida segundo a meta de assentamento Custo médio do hectare dos últimos dois anos para cada SR - Proporção terra nua e benfeitorias praticados por cada SR nos últimos dois anos. Assessoria Técnica Social e Ambiental aos Projetos de Assentamento - PRRA s Meta 2005 de assentamento Atendimento via PRONAF A Atendimento aos Projetos criados de 2003 até hoje. Nº famílias assentadas por SR Concessão de Créditos às Famílias Assentadas - Atendimento integral às 115 mil famílias a serem assentadas em 2005 segundo a meta de assentamento estabelecida

36 Recuperação, Qualificação e Emancipação de Projetos de Assent. Rural - Recursos distribuídos proporcionalmente à participação percentual de cada SR na meta de recuperação considerando um custo de INFRA de R$ 5.500,00/família e PRA/Topografia R$ 500,00/família

37 Assessoria Técnica Social e Ambiental aos Projetos de Assentamento - PRRA s Atendimento via PRONAF A Nº famílias assentadas por SR - PA s criados até Convênios firmados para ATES em 2004 e que deverão ter atendimento em 2005 Concessão de Créditos às Famílias Assentadas - Atendimento integral com crédito habitação às famílias inseridas em projetos a serem recuperados

38 Regularização Fundiária Reg. Fundiária de Imóveis Rurais Metas estabelecidas no II PNRA e nos PRRA e os Planos de Ação Emergenciais do Governo Federal (BR-163, Anapu, Arco do Desmatamento, Transposição do São Francisco) Georreferenciamento de Imóveis Rurais - Metas estabelecidas no II PNRA e nos PRRA e os Planos de Ação Emergenciais do Governo Federal (BR-163, Anapu, Arco do Desmatamento, Transposição do São Francisco); - Construção Integrada do Cadastro Nacional de Imóveis Rurais CNIR

39 LOA 2005 R$ LOA 2005 Demonstrativo Orçamentário Desp. Correntes Emendas Créditos TDA e Benfeitorias Investim ento Pessoal Op. Especiais Contrib. Regim e Prev.

40 Orçamento do Global do INCRA ORÇAMENTO Programa / ação ASSENTAMENTOS SUSTENTÁVEIS PARA TRABALHADORES RURAIS DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL NA REFORMA AGRÁRIA REGULARIZAÇÃO E GERENCIAMENTO DA ESTRUTURA FUNDIÁRIA GESTÃO DA POLÍTICA DE DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO BRASIL QUILOMBOLA EDUCAÇÃO DO CAMPO (PRONERA) APOIO ADMINISTRATIVO PAZ NO CAMPO PREVIDÊNCIA DE INATIVOS E PENSIONISTAS DA UNIÃO OPERAÇÕES ESPECIAIS: CUMPRIMENTO DE SENTENÇAS JUDICIAIS OPERAÇÕES ESPECIAIS: SERVIÇO DA DÍVIDA EXTERNA (JUROS E AMORTIZAÇÕES) TOTAL GERAL Valor

41 Orçamento do Global do INCRA ORÇAMENTO Programa / ação ASSENTAMENTOS SUSTENTÁVEIS PARA TRABALHADORES RURAIS Valor Projetos de Assentam ento Rural em Im plantação Obtenção de Im óveis Rurais para a Ref. Agrária Assistência Técnica e Capacitação de Assentados - Im plantação Concessão de Crédito-Instalção às Fam ílias Assentadas - Im plantação DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL NA REFORMA AGRÁRIA Recuperação, Qualificação e Em ancipação de Projetos de Assent. Rural Fom ento à Agroindustrialização, á Com ercialização e a Atividades Pluriativas Solidárias Assistência Técnica e Capacitação de Assentados - Recuperação Concessão de Crédito-Instalção às Fam ílias Assentadas - Recuperação REGULARIZAÇÃO E GERENCIAMENTO DA ESTRUTURA FUNDIÁRIA GESTÃO DA POLÍTICA DE DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO BRASIL QUILOMBOLA EDUCAÇÃO DO CAMPO (PRONERA) APOIO ADMINISTRATIVO PAZ NO CAMPO PREVIDÊNCIA DE INATIVOS E PENSIONISTAS DA UNIÃO OPERAÇÕES ESPECIAIS: CUMPRIMENTO DE SENTENÇAS JUDICIAIS OPERAÇÕES ESPECIAIS: SERVIÇO DA DÍVIDA EXTERNA (JUROS E AMORTIZAÇÕES) TOTAL GERAL

42 Orçamento para a SR-01 / Pará principais ações ORÇAMENTO Programa / ação ASSENTAMENTOS SUSTENTÁVEIS PARA TRABALHADORES RURAIS Valor Projetos de Assentam ento Rural em Im plantação Obtenção de Im óveis Rurais para a Ref. Agrária Assistência Técnica e Capacitação de Assentados - Im plantação Concessão de Crédito-Instalção às Fam ílias Assentadas - Im plantação DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL NA REFORMA AGRÁRIA Recuperação, Qualificação e Em ancipação de Projetos de Assent. Rural Assistência Técnica e Capacitação de Assentados - Recuperação Concessão de Crédito-Instalção às Fam ílias Assentadas - Recuperação REGULARIZAÇÃO E GERENCIAMENTO DA ESTRUTURA FUNDIÁRIA BRASIL QUILOMBOLA EDUCAÇÃO DO CAMPO (PRONERA) - via Brasília TOTAL GERAL Obs: Brasil R$ para as 29 SR/Brasil

43 Estratégia Metodológica -Detalhamento dos Recursos -Debate com as representações visando reformulações

ANEXO I TERMO DE REFERENCIA PROCESSO LICITATÓRIO Nº 010/2011- FAO/GCP/BRA/070/EC

ANEXO I TERMO DE REFERENCIA PROCESSO LICITATÓRIO Nº 010/2011- FAO/GCP/BRA/070/EC FOOD AND AGRICULTURE ORGANIZATION OF THE UNITED NATIONS ORGANISATION DES NATIONS UNIES POUR L ALIMENTATION ET L AGRICULTURE ORGANIZACION DE LAS NACIONES UNIDAS PARA LA AGRICULTURA Y LA ALIMENTACION ORGANIZAÇÃO

Leia mais

49201 - Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária - Incra

49201 - Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária - Incra 49201 - Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária - Incra Quadro Síntese - Função, Subfunção e Programa Total Órgão Total Unidade Função Total Subfunção Total Programa Total 09. Previdência

Leia mais

0061 - Concessão de Crédito para Aquisição de Imóveis Rurais e Investimentos Básicos - Fundo de Terras

0061 - Concessão de Crédito para Aquisição de Imóveis Rurais e Investimentos Básicos - Fundo de Terras Programa 2066 - Reforma Agrária e Ordenamento da Estrutura Fundiária Número de Ações 11 Tipo: Operações Especiais 0061 - Concessão de Crédito para Aquisição de Imóveis Rurais e Investimentos Básicos -

Leia mais

APRESENTAÇÃO DA SÉRIE MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO (MDA)

APRESENTAÇÃO DA SÉRIE MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO (MDA) APRESENTAÇÃO DA SÉRIE MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO (MDA) Esta série reúne documentos produzidos pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário e abrange o período entre a década de 1980 e os anos

Leia mais

SEMINÁRIO EM PROL DO DESENVOLVIMENTO SOCIOECONOMICO DO XINGU TURISMO ALTAMIRA 2015

SEMINÁRIO EM PROL DO DESENVOLVIMENTO SOCIOECONOMICO DO XINGU TURISMO ALTAMIRA 2015 SEMINÁRIO EM PROL DO DESENVOLVIMENTO SOCIOECONOMICO DO XINGU TURISMO ALTAMIRA 2015 Telefone: (91) 3110-5000 E-mail: gesturpara@gmaiil.com Plano Ver-o-Pará Plano Operacional de Desenvolvimento SETUR; Macroprograma

Leia mais

Políticas de Desenvolvimento para as Mulheres Rurais a partir de uma perspectiva de Raça a e Gênero. Andrea Butto

Políticas de Desenvolvimento para as Mulheres Rurais a partir de uma perspectiva de Raça a e Gênero. Andrea Butto Políticas de Desenvolvimento para as Mulheres Rurais a partir de uma perspectiva de Raça a e Gênero Andrea Butto Ministério do Desenvolvimento Agrário Temas abordados Estados assumiram compromissos que

Leia mais

0061 - Concessão de Crédito para Aquisição de Imóveis Rurais e Investimentos Básicos - Fundo de Terras

0061 - Concessão de Crédito para Aquisição de Imóveis Rurais e Investimentos Básicos - Fundo de Terras Programa 2066 - Reforma Agrária e Ordenamento da Estrutura Fundiária Número de Ações 34 Tipo: Operações Especiais 0061 - Concessão de Crédito para Aquisição de Imóveis Rurais e Investimentos Básicos -

Leia mais

Alinhando os Planos de Educação do Pará

Alinhando os Planos de Educação do Pará Planejando a Próxima Década: adequação/elaboração dos Planos de Educação Estadual e Municipal ao PLC 103/2012. Alinhando os Planos de Educação do Pará JOÃO BATISTA MILENA MONTEIRO NAIR MASCARENHAS SANDRA

Leia mais

Evolução Futura da Rede de Transportes

Evolução Futura da Rede de Transportes Evolução Futura da Rede de Transportes 1.1 AVALIAÇÃO POR JANELA ADMINISTRATIVA O processo que se descreve a partir daqui é referenciado pelos períodos administrativos (governos), de acordo com o que estabelece

Leia mais

Implantação de Sistema Integrado de Gerenciamento da Execução da Reforma Agrária e Agricultura Familiar

Implantação de Sistema Integrado de Gerenciamento da Execução da Reforma Agrária e Agricultura Familiar Programa 0139 Gestão da Política de Desenvolvimento Agrário Objetivo Coordenar o planejamento e a formulação de políticas setoriais e a avaliação e controle dos programas na área de desenvolvimento agrário

Leia mais

SERFAL Secretaria Extraordinária ria de Regularização Fundiária da Amazônia Legal

SERFAL Secretaria Extraordinária ria de Regularização Fundiária da Amazônia Legal SERFAL Secretaria Extraordinária ria de Regularização Fundiária da Amazônia Legal SIPAM INCRA Ministérios do Desenvolvimento Agrário e da Defesa Programa Terra Legal Em 2009: Programa Terra Legal é criado,

Leia mais

PAUTA UNITÁRIA DOS MOVIMENTOS SINDICAIS E SOCIAIS DO CAMPO

PAUTA UNITÁRIA DOS MOVIMENTOS SINDICAIS E SOCIAIS DO CAMPO PAUTA UNITÁRIA DOS MOVIMENTOS SINDICAIS E SOCIAIS DO CAMPO São Paulo, 12 de março de 2015. No consenso de nossas concepções, dos movimentos sociais do campo e das florestas, inclusive pactuadas no Encontro

Leia mais

Projeto Assentamentos Sustentáveis na Amazônia. Projeto Assentamentos Sustentáveis na Amazônia

Projeto Assentamentos Sustentáveis na Amazônia. Projeto Assentamentos Sustentáveis na Amazônia INFORMATIVO DO PROJETO ASSENTAMENTOS SUSTENTÁVEIS NA AMAZÔNIA (PAS) NÚMERO 1 ANO 1 Paiol rústio de secagem e armazenamento de arroz no lote do Sr. Paulo Ferreira dos Santos, PA Cristalino II, BR-163 (PA).

Leia mais

Departamento de Geração de Renda e

Departamento de Geração de Renda e Departamento de Geração de Renda e Agregação de Valor - DGRAV ESTRUTURA DO MDA Gabinete do Ministro Secretaria Executiva Secretaria da Agricultura Familiar SAF Secretaria de Reordenamento Agrário - SRA

Leia mais

O Fluxo dos Processos de Obtenção/Implantação/Recuperação dos Projetos de Assentamento de Reforma Agrária e o Licenciamento Ambiental.

O Fluxo dos Processos de Obtenção/Implantação/Recuperação dos Projetos de Assentamento de Reforma Agrária e o Licenciamento Ambiental. Ministério do Desenvolvimento Agrário Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária Incra O Fluxo dos Processos de Obtenção/Implantação/Recuperação dos Projetos de Assentamento de Reforma Agrária

Leia mais

III CONGRESSO BRASILEIRO DO CACAU: INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E SUSTENTABILIDADE

III CONGRESSO BRASILEIRO DO CACAU: INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E SUSTENTABILIDADE III CONGRESSO BRASILEIRO DO CACAU: INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E SUSTENTABILIDADE Painel 8: O papel de Instituições Públicas para Desenvolvimento da Cacauicultura Brasileira O Cacau e a Agricultura Familiar Adriana

Leia mais

RELATÓRIO DAS OFICINAS SOBRE LICENCIAMENTO AMBIENTAL DOS PROJETOS DE ASSENTAMENTO DO PROGRAMA NACIONAL DE REFORMA AGRÁRIA

RELATÓRIO DAS OFICINAS SOBRE LICENCIAMENTO AMBIENTAL DOS PROJETOS DE ASSENTAMENTO DO PROGRAMA NACIONAL DE REFORMA AGRÁRIA MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE MMA MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO MDA INSTITUTO NACIONAL DE COLONIZAÇÃO E REFORMA AGRÁRIA INCRA RELATÓRIO DAS OFICINAS SOBRE LICENCIAMENTO AMBIENTAL DOS PROJETOS DE

Leia mais

Diagnóstico Socioeconômico e Ambiental da Região de Integração Xingu. Geovana Pires Diretora de Socioeconomia da FAPESPA

Diagnóstico Socioeconômico e Ambiental da Região de Integração Xingu. Geovana Pires Diretora de Socioeconomia da FAPESPA Diagnóstico Socioeconômico e Ambiental da Região de Integração Xingu Geovana Pires Diretora de Socioeconomia da FAPESPA RI XINGU PIB de R$ 2,7 bilhões, respondendo por 3% do total do estado. 57.149 empregos

Leia mais

CARTA DO COMITÊ BRASILEIRO DE DEFENSORAS/ES DOS DIREITOS HUMANOS À MINISTRA DA SECRETARIA DOS DIREITOS HUMANOS DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA

CARTA DO COMITÊ BRASILEIRO DE DEFENSORAS/ES DOS DIREITOS HUMANOS À MINISTRA DA SECRETARIA DOS DIREITOS HUMANOS DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CARTA DO COMITÊ BRASILEIRO DE DEFENSORAS/ES DOS DIREITOS HUMANOS À MINISTRA DA SECRETARIA DOS DIREITOS HUMANOS DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA Brasília,12 de Dezembro de 2012. O Comitê Brasileiro de Defensoras/es

Leia mais

A LEI GERAL DE ATER, CHAMADAS PÚBLICAS E CONTRATOS DE ATER SEMINÁRIO DE BALANÇO ATER FEIRA DE SANTANA, 18/01/2012

A LEI GERAL DE ATER, CHAMADAS PÚBLICAS E CONTRATOS DE ATER SEMINÁRIO DE BALANÇO ATER FEIRA DE SANTANA, 18/01/2012 A LEI GERAL DE ATER, CHAMADAS PÚBLICAS E CONTRATOS DE ATER SEMINÁRIO DE BALANÇO ATER FEIRA DE SANTANA, 18/01/2012 Contexto Retomada dos Serviços de Assistência Técnica e Extensão Rural no país em 2003;

Leia mais

Ministério do Desenvolvimento Agrário

Ministério do Desenvolvimento Agrário Ministério do Desenvolvimento Agrário MISSÃO Promover a política de desenvolvimento do Brasil rural, a democratização do acesso à terra, a gestão territorial da estrutura fundiária, a inclusão produtiva

Leia mais

PERFIL DOS ESTADOS E DOS MUNICÍPIOS BRASILEIROS: INCLUSÃO PRODUTIVA.

PERFIL DOS ESTADOS E DOS MUNICÍPIOS BRASILEIROS: INCLUSÃO PRODUTIVA. PERFIL DOS ESTADOS E DOS MUNICÍPIOS BRASILEIROS: INCLUSÃO PRODUTIVA. FICHA TÉCNICA Coordenação de População e Indicadores Sociais: Bárbara Cobo Soares Gerente de Pesquisas e Estudos Federativos: Antônio

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ Plano Plurianual 2004-2007

GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ Plano Plurianual 2004-2007 Programa: SOCIAL INTEGRADA R$ 7.558.141,00 Assessorar a gestão das organizações sociais e implantar ações sociais integradas Incremento no número de Organizações Comunitárias apoiadas pelo Governo do Estado

Leia mais

FOME ZERO. O papel do Brasil na luta global contra a fome e a pobreza

FOME ZERO. O papel do Brasil na luta global contra a fome e a pobreza FOME ZERO O papel do Brasil na luta global contra a fome e a pobreza Seminário Internacional sobre Seguro de Emergência e Seguro Agrícola Porto Alegre, RS -- Brasil 29 de junho a 2 de julho de 2005 Alguns

Leia mais

Inserção da Agricultura Familiar na Alimentação Escolar. Estratégia e Políticas Públicas de Apoio da SAF/MDA

Inserção da Agricultura Familiar na Alimentação Escolar. Estratégia e Políticas Públicas de Apoio da SAF/MDA Inserção da Agricultura Familiar na Alimentação Escolar Estratégia e Políticas Públicas de Apoio da SAF/MDA Objetivo da Apresentação Possibilitar a compreensão das políticas públicas relacionadas e/ou

Leia mais

Ministério do Desenvolvimento Agrário MDA Secretaria da Agricultura Familiar SAF Departamento de Assistência Técnica e Extensão Rural DATER

Ministério do Desenvolvimento Agrário MDA Secretaria da Agricultura Familiar SAF Departamento de Assistência Técnica e Extensão Rural DATER Ministério do Desenvolvimento Agrário MDA Secretaria da Agricultura Familiar SAF Departamento de Assistência Técnica e Extensão Rural DATER Termo de Referência para Redes de Organizações de Ater da Sociedade

Leia mais

Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial

Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial 0352 Abastecimento Agroalimentar 22000 1049 Acesso à Alimentação 0351 Agricultura Familiar - PRONAF 1215 Alimentação Saudável 1016 Artesanato Brasileiro 28000 0135 Assentamentos Sustentáveis para Trabalhadores

Leia mais

Palma de óleo, agricultura familiar e desenvolvimento rural sustentável

Palma de óleo, agricultura familiar e desenvolvimento rural sustentável Palma de óleo, agricultura familiar e desenvolvimento rural sustentável Sumário Agricultura familiar no Brasil Importância e aspectos positivos da palma de óleo Programa Palma de Óleo e sinergia com o

Leia mais

Objetivos Consolidar uma política garantidora de direitos Reduzir ainda mais a desigualdade social

Objetivos Consolidar uma política garantidora de direitos Reduzir ainda mais a desigualdade social AGENDA SOCIAL AGENDA SOCIAL Estamos lutando por um Brasil sem pobreza, sem privilégios, sem discriminações. Um país de oportunidades para todos. A melhor forma para um país crescer é fazer que cada vez

Leia mais

Perfil Territorial. Baixo Amazonas - PA. Desenvolvimento Territorial. Dados Básicos do Território

Perfil Territorial. Baixo Amazonas - PA. Desenvolvimento Territorial. Dados Básicos do Território Baixo Amazonas - PA O Território da Cidadania Baixo Amazonas - PA está localizado na região Norte e é composto por 12 municípios: Alenquer, Almeirim, Belterra, Curuá, Faro, Juruti, Monte Alegre, Óbidos,

Leia mais

alimentos para o brasil APRESENTAÇÃO

alimentos para o brasil APRESENTAÇÃO 2014-2015 alimentos para o brasil APRESENTAÇÃO O Plano Safra da Agricultura Familiar 2014/2015 Alimentos Para o Brasil vem consolidar mais de uma década de políticas públicas que melhoram a vida de quem

Leia mais

0061 - Concessão de Crédito para Aquisição de Imóveis Rurais e Investimentos Básicos - Fundo de Terras. Unidade de Medida:

0061 - Concessão de Crédito para Aquisição de Imóveis Rurais e Investimentos Básicos - Fundo de Terras. Unidade de Medida: Programa 2066 - Reforma Agrária e Ordenamento da Estrutura Fundiária Número de Ações 35 Tipo: Operações Especiais 0061 - Concessão de Crédito para Aquisição de Imóveis Rurais e Investimentos Básicos -

Leia mais

MINISTERIO DO MEIO AMBIENTE Secretaria Executiva Departamento de Politicas de Combate ao Desmatamento

MINISTERIO DO MEIO AMBIENTE Secretaria Executiva Departamento de Politicas de Combate ao Desmatamento MINISTERIO DO MEIO AMBIENTE Secretaria Executiva Departamento de Politicas de Combate ao Desmatamento Ações de Prevenção e Controle do Desmatamento no Brasil: Amazônia, Cerrado e Caatinga Brasília, setembro

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. Local de atuação: Brasília/DF com disponibilidade para viagens em todo o território nacional.

TERMO DE REFERÊNCIA. Local de atuação: Brasília/DF com disponibilidade para viagens em todo o território nacional. TERMO DE REFERÊNCIA Denominação: Consultor(a) especializado(a) para atuação na área de suporte técnico e avaliação das políticas de fortalecimento da agricultura familiar, com enfoque nos princípios da

Leia mais

TERMO DE EXECUÇÃO DESCENTRALIZADA

TERMO DE EXECUÇÃO DESCENTRALIZADA TERMO DE EXECUÇÃO DESCENTRALIZADA I - Identificação:(Título/Objeto da Despesa 1.1. Título do projeto: Fortalecimento do Programa Nacional de Documentação da Trabalhadora Rural nos Territórios da Cidadania

Leia mais

Relatório. Relatório 5 CONSERVAÇÃO

Relatório. Relatório 5 CONSERVAÇÃO Relatório Relatório 5 CONSERVAÇÃO SETEMBRO DE 2010 2 ÍNDICE 1. APRESENTAÇÃO.................................................... 3 2. OBJETIVOS......................................................... 4

Leia mais

CRIAÇÃO DE COOPERATIVAS ORGÂNICAS NA AMAZÔNIA E ACESSO A MERCADOS DIFERENCIADOS

CRIAÇÃO DE COOPERATIVAS ORGÂNICAS NA AMAZÔNIA E ACESSO A MERCADOS DIFERENCIADOS CRIAÇÃO DE COOPERATIVAS ORGÂNICAS NA AMAZÔNIA E ACESSO A MERCADOS DIFERENCIADOS O Território da Transamazônica O Papel da Fundação Viver, Produzir e Preservar NOSSA MISSÃO: Contribuir para as Políticas

Leia mais

DILMA ROUSSEFF Presidenta da República. PATRUS ANANIAS Ministro do Desenvolvimento Agrário

DILMA ROUSSEFF Presidenta da República. PATRUS ANANIAS Ministro do Desenvolvimento Agrário DILMA ROUSSEFF Presidenta da República PATRUS ANANIAS Ministro do Desenvolvimento Agrário MARIA FERNANDA RAMOS COELHO Secretária Executiva do Ministério do Desenvolvimento Agrário MARIA LÚCIA DE OLIVEIRA

Leia mais

Políticas Públicas para Operacionalizar o CAR Câmara temática de Insumos Agropecuários Brasília, 27 de maio de 2014

Políticas Públicas para Operacionalizar o CAR Câmara temática de Insumos Agropecuários Brasília, 27 de maio de 2014 Políticas Públicas para Operacionalizar o CAR Câmara temática de Insumos Agropecuários Brasília, 27 de maio de 2014 O QUE É O CAR O Cadastro Ambiental Rural - CAR, é o registro público eletrônico de âmbito

Leia mais

CETEM - Centro de Tecnologia Mineral

CETEM - Centro de Tecnologia Mineral CETEM - Centro de Tecnologia Mineral Sustentabilidade 2013 INDÚSTRIA & SUSTENTABILIDADE SUSTENTABILIDADE NA MINERAÇÃO Alberto Rogério Benedito da Silva ARBS Consultoria - Belém-Pará rogerio@supridados.com.br

Leia mais

Regras para Ordenar Despesas

Regras para Ordenar Despesas COORDENAÇÃO-GERAL DE NORMAS DE CONTABILIDADE APLICADAS À FEDERAÇÃO - CCONF GERÊNCIA DE NORMAS E PROCEDIMENTOS DE GESTÃO FISCAL - GENOP Regras para Ordenar Despesas Interpretação dos Art. 15 e 16 da LRF

Leia mais

O papel da agricultura familiar no desenvolvimento rural sustentável nos próximos 10 anos. Carlos Mielitz PGDR-UFRGS

O papel da agricultura familiar no desenvolvimento rural sustentável nos próximos 10 anos. Carlos Mielitz PGDR-UFRGS O papel da agricultura familiar no desenvolvimento rural sustentável nos próximos 10 anos Carlos Mielitz PGDR-UFRGS ANTECEDENTES E TRAJETÓRIA RECENTE DA AGRICULTURA FAMILIAR - PÓS 1964, Projeto Nacional,

Leia mais

GASTRONOMIA SUSTENTÁVEL - PARATY. Oficina de Planejamento 2010-2012

GASTRONOMIA SUSTENTÁVEL - PARATY. Oficina de Planejamento 2010-2012 GASTRONOMIA SUSTENTÁVEL - PARATY Oficina de Planejamento 2010-2012 Paraty, agosto de 2010 Objetivo da oficina Elaborar o Direcionamento Estratégico da Gastronomia Sustentável de Paraty para os próximos

Leia mais

alimentos para o brasil APRESENTAÇÃO

alimentos para o brasil APRESENTAÇÃO 2014-2015 APRESENTAÇÃO O Plano Safra da Agricultura Familiar 2014/2015 Alimentos Para o Brasil vem consolidar mais de uma década de políticas públicas que melhoram a vida de quem vive no Brasil Rural.

Leia mais

Desenvolvimento Rural Sustentável na Abordagem Territorial. Alexandre da Silva Santos Consultor da SDT/MDA Balneário Camboriu, Novembro de 2011

Desenvolvimento Rural Sustentável na Abordagem Territorial. Alexandre da Silva Santos Consultor da SDT/MDA Balneário Camboriu, Novembro de 2011 Desenvolvimento Rural Sustentável na Abordagem Territorial Alexandre da Silva Santos Consultor da SDT/MDA Balneário Camboriu, Novembro de 2011 Apresentação: Território Rural de Identidade; Programa Territórios

Leia mais

PANORAMA GERAL DO PROGRAMA NO ESTADO

PANORAMA GERAL DO PROGRAMA NO ESTADO GOVERNO DO DO PARÁ SECRETARIA ESPECIAL DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E INCENTIVO À PRODUÇÃO-SEDIP PROGRAMA DE REDUÇÃO DA POBREZA E GESTÃO DOS RECURSOS NATURAIS DO PARÁ Incentivo Apoio Técnico Fortalecimento

Leia mais

Monitoramento e assessoria técnica para ações de saneamento básico.

Monitoramento e assessoria técnica para ações de saneamento básico. Monitoramento e assessoria técnica para ações de saneamento básico. EIXO1: Monitoramento de possibilidades de captação de convênios para melhoria nos serviços e infraestruturas de saneamento básico. PRODUTO

Leia mais

PPAG 2016-2019 EM DISCUSSÃO

PPAG 2016-2019 EM DISCUSSÃO PPAG 2016-2019 EM DISCUSSÃO EIXO: EDUCAÇÃO E CULTURA RELATÓRIO DO GRUPO DE TRABALHO TEMA: NÍVEIS E MODALIDADES DE ENSINO O grupo discutiu o Programa 214 DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO BÁSICA. O grupo entendeu

Leia mais

Orçamento e Direitos Humanos

Orçamento e Direitos Humanos Seminário FBO: Democracia, Orçamento e Direitos Orçamento e Direitos Humanos. Alexandre Ciconello assessor político INESC Brasília,, 11 de junho de 2013 Fundado d de 1979 INESC Trajetória A missão do INESC

Leia mais

Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome MDS Secretaria Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional SESAN

Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome MDS Secretaria Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional SESAN Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome MDS Secretaria Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional SESAN Fórum de debates sobre a pobreza e a segurança alimentar Campinas, 13 de outubro

Leia mais

La Experiencia del PRONAF Eco Dendê en Brasil

La Experiencia del PRONAF Eco Dendê en Brasil La Experiencia del PRONAF Eco Dendê en Brasil Taller sobre el Acceso a Créditos para la Agricultura Familiar en América Latina - Cadena Productiva de Palma Bogotá Colombia Junio 2015 O MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO

Leia mais

Chamada Pública FNDF/FNMC Nº 01/2013

Chamada Pública FNDF/FNMC Nº 01/2013 MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE SERVIÇO FLORESTAL BRASILEIRO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO FLORESTAL FUNDO NACIONAL SOBRE MUDANÇA DO CLIMA Chamada Pública FNDF/FNMC Nº 01/2013 O Serviço Florestal Brasileiro

Leia mais

Proposta para Reestruturação Salarial das Carreiras do MDA. Julho de 2015

Proposta para Reestruturação Salarial das Carreiras do MDA. Julho de 2015 Proposta para Reestruturação Salarial das Carreiras do MDA Julho de 2015 O rural brasileiro tem quase 5,2 milhões de estabelecimentos produtores, dos quais 84% são de agricultura familiar. A agricultura

Leia mais

NÚCLEOS DE EXTENSÃO EM DESENVOLVIMENTO TERRITORIAL. PARCERIA MDA / CNPq. Brasília, 13 de maio de 2014

NÚCLEOS DE EXTENSÃO EM DESENVOLVIMENTO TERRITORIAL. PARCERIA MDA / CNPq. Brasília, 13 de maio de 2014 NÚCLEOS DE EXTENSÃO EM DESENVOLVIMENTO TERRITORIAL PARCERIA MDA / CNPq Brasília, 13 de maio de 2014 A política de desenvolvimento territorial Desde 2004 a SDT implementa a estratégia de desenvolvimento

Leia mais

INSTITUTO INTERAMERICANO DE COOPERAÇÃO PARA A AGRICULTURA. TERMO DE REFERÊNCIA CONS - OPE 03 01 Vaga

INSTITUTO INTERAMERICANO DE COOPERAÇÃO PARA A AGRICULTURA. TERMO DE REFERÊNCIA CONS - OPE 03 01 Vaga INSTITUTO INTERAMERICANO DE COOPERAÇÃO PARA A AGRICULTURA TERMO DE REFERÊNCIA CONS - OPE 03 01 Vaga 1. IDENTIFICAÇÃO DA CONSULTORIA Consultoria para promover estudos, formular proposições e apoiar as Unidades

Leia mais

ESTADO DO ACRE. Estado do Acre estabelece processos de inclusão social e econômica visando ao uso sustentável dos recursos naturais

ESTADO DO ACRE. Estado do Acre estabelece processos de inclusão social e econômica visando ao uso sustentável dos recursos naturais Estado do Acre estabelece processos de inclusão social e econômica visando ao uso sustentável dos recursos naturais Através da Política de Valorização do Ativo Ambiental Florestal e do Zoneamento Ecológico

Leia mais

Política governamental e propostas para combate do déficit habitacional As Contribuições da CAIXA

Política governamental e propostas para combate do déficit habitacional As Contribuições da CAIXA Política governamental e propostas para combate do déficit habitacional As Contribuições da CAIXA 1 Conferência Internacional de Crédito Imobiliário do Banco Central do Brasil Experiência Internacional

Leia mais

A EXTENSÃO RURAL NA REGIÃO SUL: PERSPECTIVA E SITUAÇÃO DOS PAÍSES BRASIL

A EXTENSÃO RURAL NA REGIÃO SUL: PERSPECTIVA E SITUAÇÃO DOS PAÍSES BRASIL A EXTENSÃO RURAL NA REGIÃO SUL: PERSPECTIVA E SITUAÇÃO DOS PAÍSES BRASIL Argileu Martins da Silva Secretário Adjunto/Diretor do DATER A FASE DA INOVAÇÃO Um Jeep, um homem, uma mulher desafiam os costumes

Leia mais

CONSELHO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO RURAL SUSTENTÁVEL RESOLUÇÃO Nº 21 DE 10 DE OUTUBRO DE 2001

CONSELHO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO RURAL SUSTENTÁVEL RESOLUÇÃO Nº 21 DE 10 DE OUTUBRO DE 2001 Publicada no D.O.U. de 20/12/2001, Seção 1, Página 36 CONSELHO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO RURAL SUSTENTÁVEL RESOLUÇÃO Nº 21 DE 10 DE OUTUBRO DE 2001 Dispõe sobre a aprovação do Programa Jovem Agricultor

Leia mais

Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. Programa de Pós-graduação de Ciências Sociais em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade (CPDA)

Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. Programa de Pós-graduação de Ciências Sociais em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade (CPDA) Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro Programa de Pós-graduação de Ciências Sociais em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade (CPDA) Relatório com as principais notícias divulgadas pela mídia

Leia mais

INSTITUTO INTERAMERICANO DE COOPERAÇÃO PARA A AGRICULTURA TERMO DE REFERÊNCIA (TR) CONS GEO 02-09

INSTITUTO INTERAMERICANO DE COOPERAÇÃO PARA A AGRICULTURA TERMO DE REFERÊNCIA (TR) CONS GEO 02-09 INSTITUTO INTERAMERICANO DE COOPERAÇÃO PARA A AGRICULTURA TERMO DE REFERÊNCIA (TR) CONS GEO 02-09 1 IDENTIFICAÇÃO DA CONSULTORIA Consultoria para promover estudos, formular proposições e apoiar ações nos

Leia mais

Indicadores de Belo Monte

Indicadores de Belo Monte Indicadores de Belo Monte Água 2 de 18 População atendida pelo abastecimento público de água População atendida 30,000 22,500 15,000 7,500 0 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2011 2012 2013 3 de 18 População

Leia mais

LEI PM/Nº. 2.347/2009. De 23 de dezembro de 2009.

LEI PM/Nº. 2.347/2009. De 23 de dezembro de 2009. LEI PM/Nº. 2.347/2009. De 23 de dezembro de 2009. Dispõe sobre o Plano Plurianual de governo do Município, para o quadriênio 2010 a 2013. O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE SANTA VITÓRIA-MG, Faço saber que a Câmara

Leia mais

Projetos de Captação de Recursos do Ministério Público do Trabalho

Projetos de Captação de Recursos do Ministério Público do Trabalho Plano de Gestão 2015-2017 Projetos de Captação de Recursos do Ministério Público do Trabalho Superintendência de Planejamento e Gestão Outubro/2015 Introdução Os recursos oriundos de multas ou indenizações

Leia mais

Desafios e iniciativas do Pará na agenda de clima da Amazônia

Desafios e iniciativas do Pará na agenda de clima da Amazônia Desafios e iniciativas do Pará na agenda de clima da Amazônia Belém, Setembro de 2015 Desafios e iniciativas do Pará na agenda de clima da Amazônia Agenda global: o desafio do nosso tempo Agenda regional:

Leia mais

Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão SECADI/MEC Objetivo

Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão SECADI/MEC Objetivo Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão SECADI/MEC Objetivo Contribuir para o desenvolvimento inclusivo dos sistemas de ensino, voltado à valorização das diferenças e da

Leia mais

OCUPAÇÃO PLANEJADA DA TERRA NA REGIÃO DE INTEGRAÇÃO DO XINGU: DA COLONIZAÇÃO OFICIAL AOS ASSENTAMENTOS RURAIS

OCUPAÇÃO PLANEJADA DA TERRA NA REGIÃO DE INTEGRAÇÃO DO XINGU: DA COLONIZAÇÃO OFICIAL AOS ASSENTAMENTOS RURAIS 18 OCUPAÇÃO PLANEJADA DA TERRA NA REGIÃO DE INTEGRAÇÃO DO XINGU: DA COLONIZAÇÃO OFICIAL AOS ASSENTAMENTOS RURAIS Gilberto de Miranda Rocha Geógrafo. Dr. em Geografia Humana. Prof. da Universidade Federal

Leia mais

Agricultura Familiar Coordenação Geral de Biocombustíveis. O Programa Nacional de Produção e Uso do Biodiesel PNPB

Agricultura Familiar Coordenação Geral de Biocombustíveis. O Programa Nacional de Produção e Uso do Biodiesel PNPB Agricultura Familiar Coordenação Geral de Biocombustíveis O Programa Nacional de Produção e Uso do Biodiesel PNPB Agricultura Familiar Coordenação Geral de Biocombustíveis - Números do PNPB - Empresas

Leia mais

Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias 2016 e Programação Orçamentária 2015. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão

Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias 2016 e Programação Orçamentária 2015. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias 2016 e Programação Orçamentária 2015 Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão 2015 1 Cenário Macroeconômico Revisto 2015 2016 2017 2018 PIB (crescimento

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DE MEIO AMBIENTE. Yvens Cordeiro Coordenador de Ordenamento Ambiental. Marcelo Auzier Gerência de Planejamento Ambiental

SECRETARIA DE ESTADO DE MEIO AMBIENTE. Yvens Cordeiro Coordenador de Ordenamento Ambiental. Marcelo Auzier Gerência de Planejamento Ambiental SECRETARIA DE ESTADO DE MEIO AMBIENTE Yvens Cordeiro Coordenador de Ordenamento Ambiental Marcelo Auzier Gerência de Planejamento Ambiental O QUE É O Cadastro Ambiental Rural - CAR-PA é um dos instrumentos

Leia mais

IV Seminário Nacional do Programa Nacional de Crédito Fundiário Crédito Fundiário no Combate a Pobreza Rural Sustentabilidade e Qualidade de Vida

IV Seminário Nacional do Programa Nacional de Crédito Fundiário Crédito Fundiário no Combate a Pobreza Rural Sustentabilidade e Qualidade de Vida IV Seminário Nacional do Programa Nacional de Crédito Fundiário Crédito Fundiário no Combate a Pobreza Rural Sustentabilidade e Qualidade de Vida 30 DE NOVEMBRO DE 2011 CONTEXTO Durante os últimos anos,

Leia mais

Orientações para o Apoio do Fundo Amazônia ao Cadastramento Ambiental Rural

Orientações para o Apoio do Fundo Amazônia ao Cadastramento Ambiental Rural Orientações para o Apoio do Fundo Amazônia ao Cadastramento Ambiental Rural 1. Apoio do Fundo Amazônia ao Cadastramento Ambiental Rural no bioma Amazônia... 2 2. Apoio do Fundo Amazônia ao Cadastramento

Leia mais

POLOS PARFOR. PROCESSO SELETIVO Licenciatura em Língua Portuguesa Letras UFPA CURSOS OFERTADOS

POLOS PARFOR. PROCESSO SELETIVO Licenciatura em Língua Portuguesa Letras UFPA CURSOS OFERTADOS GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO SECRETARIA ADJUNTA DE ENSINO PLANO DE FORMAÇÃO DOCENTE DO ESTADO DO PARÁ POLOS PARFOR LEGENDA Polos UAB gerenciados pelo Estado Polos UAB gerenciados

Leia mais

PRONAF Eco Dendê. Reunião - Câmara Técnica da Palma de Óleo. Belém-PA Maio/2012

PRONAF Eco Dendê. Reunião - Câmara Técnica da Palma de Óleo. Belém-PA Maio/2012 PRONAF Eco Dendê Reunião - Câmara Técnica da Palma de Óleo Belém-PA Maio/2012 Instrumentos legais de enquadramento da agricultura familiar 1) Lei nº 11.326/2006 Estabelece as diretrizes para a formulação

Leia mais

A Cooperação UE no Estado de Pará

A Cooperação UE no Estado de Pará A Cooperação UE no Estado de Pará Informações gerais: Superficië (km²): 1.247.689,515 População (IBGE 2012): 7.792.561 Produto Interno Bruto - PIB (2008) em R$ milhões: 58.519 Indice de Desenvolvimento

Leia mais

Políticas Públicas para Operacionalizar o CAR

Políticas Públicas para Operacionalizar o CAR Políticas Públicas para Operacionalizar o CAR O QUE ÉO CAR O Cadastro Ambiental Rural - CAR, é o registro público eletrônico de âmbito nacional, obrigatório para todos os imóveis rurais, com a finalidade

Leia mais

Banco do Nordeste Apoio à Agricultura Familiar

Banco do Nordeste Apoio à Agricultura Familiar Banco do Nordeste Apoio à Agricultura Familiar Programa Nacional de Fortalecimento Da Agricultura Familiar OBJETIVO Fortalecer a agricultura familiar, mediante o financiamento da infra-estrutura de produção

Leia mais

Projeto de Assistência Técnica para a Agenda da Sustentabilidade Ambiental TAL Ambiental

Projeto de Assistência Técnica para a Agenda da Sustentabilidade Ambiental TAL Ambiental Ministério do Meio Ambiente Secretaria Executiva Projeto de Assistência Técnica para a Agenda da Sustentabilidade Ambiental TAL Ambiental Março de 2010 TAL Ambiental (Technical Assistance to the Environmental

Leia mais

PPAG 2012-2015 Monitoramento Janeiro a Junho de 2012. Rede de Educação e Desenvolvimento Humano PROGRAMA 003 MELHOR EMPREGO 003 MELHOR EMPREGO

PPAG 2012-2015 Monitoramento Janeiro a Junho de 2012. Rede de Educação e Desenvolvimento Humano PROGRAMA 003 MELHOR EMPREGO 003 MELHOR EMPREGO 003 MELHOR EMPREGO PROGRAMA 003 MELHOR EMPREGO (A) (F) REALIZADA % C/B REPROGRA % F/E JAN A JUN MADA IMPLEMENTAR E ARTICULAR AÇÕES VISANDO A DIMINUIÇÃO DO TEMPO DE DE DESEMPREGO DO ATENDIMENTO TRABALHADOR

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ SECRETARIA ESPECIAL DE PROMOÇÃO SOCIAL SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCACÃO EDITAL Nº007 /2014

GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ SECRETARIA ESPECIAL DE PROMOÇÃO SOCIAL SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCACÃO EDITAL Nº007 /2014 GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ SECRETARIA ESPECIAL DE PROMOÇÃO SOCIAL SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCACÃO EDITAL Nº007 /2014 O Governo do Estado do Pará através da SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO/SEDUC, inscrita

Leia mais

EMENDAS AO TEXTO - MEGA OBJETIVOS - POR AUTOR

EMENDAS AO TEXTO - MEGA OBJETIVOS - POR AUTOR Com. Seguridade Social e Familia SEGUR/CD Emenda: 50210006 "A qualidade da assistência e a racionalidade nos gastos com incorporação tecnológica são limitados pela inadequação do financiamento e vínculos

Leia mais

Proposta de Indicadores e Metas para a Avaliação do Desempenho Institucional

Proposta de Indicadores e Metas para a Avaliação do Desempenho Institucional SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO - MDA INSTITUTO NACIONAL DE COLONIZAÇÃO E REFORMA AGRÁRIA - INCRA DIRETORIA DE GESTÃO ESTRATÉGICA - DE COORDENAÇÃO-GERAL DE MONITORAMENTO E

Leia mais

PROJETO DE DESENVOLVIMENTO RURAL SUSTENTÁVEL DO ESTADO DA BAHIA. Banco Mundial

PROJETO DE DESENVOLVIMENTO RURAL SUSTENTÁVEL DO ESTADO DA BAHIA. Banco Mundial PROJETO DE DESENVOLVIMENTO RURAL SUSTENTÁVEL DO ESTADO DA BAHIA POR QUE O PROJETO Decisão Estratégica do Governo do Estado da Bahia Necessidade de avançar na erradicação da pobreza rural Existência de

Leia mais

POLÍTICAS PÚBLICAS PARA O DESENVOLVIMENTO DO BRASIL RURAL

POLÍTICAS PÚBLICAS PARA O DESENVOLVIMENTO DO BRASIL RURAL MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO POLÍTICAS PÚBLICAS PARA O DESENVOLVIMENTO DO BRASIL RURAL Pepe Vargas Ministro de Estado do Desenvolvimento Agrário Fonte: IBGE Censo Agropecuário 2006 Os agricultores

Leia mais

ANEXO B TERMO DE REFERÊNCIA. Declaração de trabalho, serviços e especificações

ANEXO B TERMO DE REFERÊNCIA. Declaração de trabalho, serviços e especificações ANEXO B TERMO DE REFERÊNCIA Declaração de trabalho, serviços e especificações A Contratada deverá executar o trabalho e realizar os serviços a seguir, indicados de acordo com as especificações e normas

Leia mais

Reforma Agrária. e Regularização Fundiária

Reforma Agrária. e Regularização Fundiária Reforma Agrária e Regularização Fundiária 8. Reforma Agrária e Regularização Fundiária 138 INTRODUÇÃO A estratégia de desenvolvimento sustentável com redução das desigualdades, implementada pelo Governo

Leia mais

EIXO 5 GESTÃO DA POLÍTICA NACIONAL DOS DIREITOS HUMANOS DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES PROPOSTAS APROVADAS OBTIVERAM ENTRE 80 e 100% DOS VOTOS

EIXO 5 GESTÃO DA POLÍTICA NACIONAL DOS DIREITOS HUMANOS DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES PROPOSTAS APROVADAS OBTIVERAM ENTRE 80 e 100% DOS VOTOS EIXO 5 GESTÃO DA POLÍTICA NACIONAL DOS DIREITOS HUMANOS DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES PROPOSTAS APROVADAS OBTIVERAM ENTRE 80 e 100% DOS VOTOS Garantir a elaboração e implementação da política e do Plano Decenal

Leia mais

MORATÓRIA DA SOJA: Avanços e Próximos Passos

MORATÓRIA DA SOJA: Avanços e Próximos Passos MORATÓRIA DA SOJA: Avanços e Próximos Passos - Criação e Estruturação da Moratória da Soja - Realizações da Moratória da Soja - A Prorrogação da Moratória - Ações Prioritárias Relatório Apresentado pelo

Leia mais

EMATER RS. Seminário. A Extensão Rural Pública e Seus Impactos no Desenvolvimento Municipal Sustentável

EMATER RS. Seminário. A Extensão Rural Pública e Seus Impactos no Desenvolvimento Municipal Sustentável Seminário A Extensão Rural Pública e Seus Impactos no Desenvolvimento Municipal Sustentável e Mário Augusto Ribas do Nascimento Presidente da EMATER/RS Associação Riograndense de Empreendimentos de Assistência

Leia mais

Programa de Produção Sustentável de Óleo de Palma no Brasil. Programa de Produção Sustentável de Óleo de Palma no Brasil

Programa de Produção Sustentável de Óleo de Palma no Brasil. Programa de Produção Sustentável de Óleo de Palma no Brasil Programa de Produção Sustentável de Óleo de Palma no Brasil Objetivo: Disciplinar a expansão da produção de óleo de palma no Brasil e ofertar instrumentos para garantir uma produção em bases ambientais

Leia mais

Secretaria do Planejamento, Gestão e Participação Cidadã SEPLAG/RS

Secretaria do Planejamento, Gestão e Participação Cidadã SEPLAG/RS Secretaria do Planejamento, Gestão e Participação Cidadã SEPLAG/RS Brasília, 21 de fevereiro de 2013 MAPA ESTRATÉGICO: Visão: RETOMAR O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL COM EQUIDADE E PARTICIPAÇÃO Sociedade

Leia mais

SELO COMBUSTÍVEL SOCIAL: balanço e próximos passos

SELO COMBUSTÍVEL SOCIAL: balanço e próximos passos SELO COMBUSTÍVEL SOCIAL: balanço e próximos passos ÍNDICE Balanço Processo de consulta pública para alteração na Portaria 60/2012 Próximos passos BALANÇO - Brasil 43 UPBs detentoras do Selo Combustível

Leia mais

Sistemática de Avaliação de Desempenho (AD)

Sistemática de Avaliação de Desempenho (AD) Sistemática de Avaliação de Desempenho (AD) Referencial Legal A avaliação de desempenho tem como referência três institutos legais: Lei nº 11.090, de 07 de janeiro de 2005 Dispõe sobre a criação do Plano

Leia mais

Ambiente de Gerenciamento do PRONAF e Programas de Crédito Fundiário

Ambiente de Gerenciamento do PRONAF e Programas de Crédito Fundiário Ambiente de Gerenciamento do PRONAF e Programas de Crédito Fundiário Janeiro - 2011 Banco do Nordeste Apoio à Agricultura Familiar Programa Nacional de Fortalecimento Da Agricultura Familiar OBJETIVO Fortalecer

Leia mais

SEMINÁRIO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO DO CAMPO SANTA CATARINA CHAPECÓ, 28 A 30 DE AGOSTO DE 2013 CARTA ABERTA À SOCIEDADE CATARINENSE E BRASILEIRA

SEMINÁRIO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO DO CAMPO SANTA CATARINA CHAPECÓ, 28 A 30 DE AGOSTO DE 2013 CARTA ABERTA À SOCIEDADE CATARINENSE E BRASILEIRA SEMINÁRIO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO DO CAMPO SANTA CATARINA CHAPECÓ, 28 A 30 DE AGOSTO DE 2013 CARTA ABERTA À SOCIEDADE CATARINENSE E BRASILEIRA 1. Nós, 350 educadores e educadoras das escolas públicas do campo,

Leia mais

Carta de Joinville 1) Sobre o Financiamento

Carta de Joinville 1) Sobre o Financiamento Carta de Joinville Os Secretários e Secretárias Municipais de Saúde, reunidos no XXIII Congresso Nacional das Secretarias Municipais de Saúde e IV Congresso Brasileiro de Saúde, Cultura de Paz e Não-Violência,

Leia mais

e construção do conhecimento em educação popular e o processo de participação em ações coletivas, tendo a cidadania como objetivo principal.

e construção do conhecimento em educação popular e o processo de participação em ações coletivas, tendo a cidadania como objetivo principal. Educação Não-Formal Todos os cidadãos estão em permanente processo de reflexão e aprendizado. Este ocorre durante toda a vida, pois a aquisição de conhecimento não acontece somente nas escolas e universidades,

Leia mais

Programa de Aquisição de Alimentos - Conab

Programa de Aquisição de Alimentos - Conab Programa de Aquisição de Alimentos - Conab Exercício 2004 Sumário Executivo O presente documento procura sintetizar as ações desenvolvidas pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) através do Programa

Leia mais

CONTEXTUALIZAÇÃO/ JUSTIFICATIVA

CONTEXTUALIZAÇÃO/ JUSTIFICATIVA TERMO DE REFERÊNCIA SERVIÇOS NÃO CONTINUADOS (não alterar os campos em cinza) TR nº MODALIDADE TEMA PROCESSO SELETIVO Produto Planejamento Territorial TR_02_2015_PDHC Participativo Parecer Nº 00558/2015/CONJUR-MDA/CGU/AGU,

Leia mais

1 PROJETOS DE TRANSPORTES NO PELT-PA

1 PROJETOS DE TRANSPORTES NO PELT-PA 1 1 PROJETOS DE TRANSPORTES NO PELT-PA A confecção de uma Carteira de Projetos para o PELT-PA parte, antes de tudo, da identificação da rede viária estruturante do Sistema de Transportes do Estado do Pará,

Leia mais