Consolidação das Normas Cambiais (CNC)

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Consolidação das Normas Cambiais (CNC)"

Transcrição

1 Consolidação das Normas Cambiais (CNC) (vigente até 13 de março de 2005) Histórico de alterações dos capítulos da extinta CNC que constituíam regulamentos... página 2 Última versão dos capítulos da extinta CNC que constituíam regulamentos... página 22

2 2 Histórico de alterações dos capítulos da extinta CNC que constituíam regulamentos Índice capítulo denominação página 1 Contrato de Câmbio 3 2 Mercado de Câmbio de Taxas Flutuantes 6 3 Operações de Câmbio de Natureza Financeira 10 5 Exportação 11 6 Importação 14 7 Frete Internacional Convênio de Pagamentos e Créditos Recíprocos Países com Disposições Cambiais Especiais Contas em Moedas Estrangeiras no País 21

3 CAPÍTULO 1 CONTRATO DE CÂMBIO 3 Regulamento instituído pela Circular 2.231, de Índice Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de Título 1 DISPOSIÇÕES GERAIS Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de Título 2 CELEBRAÇÃO Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 3 PRAZOS DE LIQUIDAÇÃO Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 4 ALTERAÇÃO Circ , de ; Circ , de Título 5 LIQUIDAÇÃO Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Titulo 6 BAIXA NA POSIÇÃO CAMBIAL Circ , de Título 7 TAXA CAMBIAL NO MERCADO DE CÂMBIO DE TAXAS LIVRES Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de

4 Título 8 INTERMEDIAÇÃO NAS OPERAÇÕES DE CÂMBIO Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 9 RELAÇÃO DE VÍNCULO Circ , de ; Carta-Circ , de Título 10 (extinto) CIDADE Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de Título 11 (extinto) MOEDA /PAÍS Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de Título 12 (extinto) PAÍS/MOEDA Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de Título 13 FORMA DE ENTREGA DA MOEDA ESTRANGEIRA PARA LIQUIDAÇÃO DE CONTRATO DE CÂMBIO Circ , de ; Circ , de Título 14 NATUREZA DE OPERAÇÃO Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ;

5 5 Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ;Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de

6 CAPÍTULO 2 - MERCADO DE CÂMBIO DE TAXAS FLUTUANTES 6 O mercado de câmbio de taxas flutuantes foi instituído pela Resolução 1.542, de , revogada e substituída pela Resolução 1.552, de A regulamentação desse mercado foi realizada por meio da Circular 1.402, de As atualizações foram editadas por meio dos seguintes normativos: Circular 1.440, de , Resolução 1.600, de , Circular 1.500, de O Regulamento do Mercado de Câmbio de Taxas Flutuantes que constitui o Título 2 da CNC foi instituído pela Carta-Circular 1.987, de Índice Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de , Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 1 DISPOSIÇÕES GERAIS Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de , Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 2 AGENTES DE MERCADO Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 3 OPERAÇÕES ENTRE INSTITUIÇÕES CREDENCIADAS E COM INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS NO EXTERIOR Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de

7 7 Título 4 COMPRAS DE CÂMBIO DE CLIENTES Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 5 VENDAS DE CÂMBIO VIAGENS INTERNACIONAIS Carta-Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Titulo 6 OPERAÇÕES COM OURO (ATIVO FINANCEIRO OU INSTRUMENTO CAMBIAL) Circ , de ; Circ , de Título 7 INVESTIMENTO BRASILEIRO NO EXTERIOR Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 8 INVESTIMENTO NO MERCADO DE CAPITAIS ENTRE PAÍSES SIGNATÁRIOS DO TRATADO MERCOSUL. Circ , de Titulo 9 (extinto) INVESTIMENTOS BRASILEIROS NO EXTERIOR EM CERTIFICADOS DE DEPÓSITO DE AÇÕES EMITIDAS POR COMPANHIAS SEDIADAS EM PAÍSES SIGNATÁRIOS DO TRATADO DE ASSUNÇÃO - MERCOSUL Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de Título 11 VENDAS DE CÂMBIO - SERVIÇOS TURÍSTICOS Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 12 TRANSFERÊNCIAS UNILATERAIS

8 8 Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 13 OUTRAS TRANSFERÊNCIAS Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta- Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de Título 14 CARTÕES DE CRÉDITO INTERNACIONAIS Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , ; Circ , de Título 15 VALES POSTAIS INTERNACIONAIS E REEMBOLSO POSTAL INTERNACIONAL Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 17 (extinto) EXPORTAÇÃO DE JÓIAS, GEMAS, PEDRAS PRECIOSAS E DE ARTEFATOS DE OURO E DE PEDRAS PRECIOSAS Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 18 CONTAS EM MOEDAS ESTRANGEIRAS Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de

9 9 Título 19 POSIÇÃO DE CÂMBIO E LIMITE OPERACIONAL Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de Título 20 REGISTRO E ACOMPANHAMENTO DE OPERAÇÕES Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de Título 21 (extinto) CRITÉRIOS APLICÁVEIS AOS REGISTROS DE NATUREZA CONTÁBIL Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de Obs.: Título inserido na CNC sob o número 17 e transformado para o número 21 pela Circ , de Título 22 CÓDIGOS DE IDENTIFICAÇÃO DAS OPERAÇÕES Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de Título 23 DISPOSIÇÕES TRANSITÓRIAS Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de

10 CAPÍTULO 3 - OPERAÇÕES DE CÂMBIO DE NATUREZA FINANCEIRA 10 Regulamento instituído pela Circular 2.393, de , em decorrência do disposto no art. 5 da Circ , de Índice Circ , de Título 1 DISPOSIÇÕES GERAIS Circ , de ; Circ , de Título 2 TRANSFERÊNCIAS LIGADAS A OPERAÇÕES COMERCIAIS Circ , de ; Circ , de Título 3 TRANSFERÊNCIAS LIGADAS A TRANSPORTES INTERNACIONAIS Circ , de ; Circ , de Título 4 REMESSAS GOVERNAMENTAIS Circ , de ; Circ , de Título 5 OUTRAS TRANSFERÊNCIAS FINANCEIRAS Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de

11 CAPÍTULO 5 EXPORTAÇÃO 11 Regulamento instituído pela Circular 2.231, de Índice Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 1 DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 2 CONTRATAÇÃO DE CÂMBIO Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 3 ADIANTAMENTOS SOBRE CONTRATOS DE CÂMBIO Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 4 DOCUMENTOS REFERENTES À EXPORTAÇÃO Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 5 ALTERAÇÃO DE CONTRATO DE CÂMBIO Circ , de Titulo 6 PRORROGAÇÃO DE CONTRATO DE CÂMBIO Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de Título 7 POSIÇÃO ESPECIAL Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ;

12 Circ , de Título 8 CANCELAMENTO DE CONTRATO DE CÂMBIO Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 9 BAIXA DE CONTRATO DE CÂMBIO Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 10 ENCARGO FINANCEIRO SOBRE CANCELAMENTOS E BAIXAS DE CONTRATOS DE CÂMBIO DE EXPORTAÇÃO Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 11 LIQUIDAÇÃO DO CÂMBIO Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 12 PAGAMENTO ANTECIPADO Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 13 COMISSÃO DE AGENTE Circ , de ; Circ , de Título 14 PAÍSES COM DISPOSIÇÕES PECULIARES Circ , de ; Circ , de Título 15 FORNECIMENTO DE COMBUSTÍVEIS E LUBRIFICANTES E DE PRODUTOS PARA USO E CONSUMO A BORDO DE VEÍCULOS DE BANDEIRA ESTRANGEIRA Circ , de ; Circ , de

13 13 Título 16 PRODUTOS INDUSTRIALIZADOS ADQUIRIDOS NO MERCADO INTERNO POR EMPRESAS ESTRANGEIRAS CONTRATADAS PARA PESQUISA E LAVRA DE PETRÓLEO Circ , de Título 17 IMPOSTO DE EXPORTAÇÃO Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 18 EXPORTAÇÕES FINANCIADAS Circ , de Título 19 CÂMBIO SIMPLIFICADO Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de (extinto) DESPESAS CAMBIAIS LIGADAS À EXPORTAÇÃO Circ , de ; Circ , de ; Circ , de

14 CAPÍTULO 6 IMPORTAÇÃO 14 Regulamento instituído pela Circular 2.730, de , em decorrência do disposto na Resolução 2.342, de Novo Regulamento de Importação instituído pela Circular 3.231, de , com base na mesma Resolução. Índice Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 1 DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 2 CONTRATAÇÃO DE CÂMBIO Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de , Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 3 ALTERAÇÃO DE CONTRATO DE CÂMBIO Circ , de ; Circ , de Título 4 PRORROGAÇÃO DE CONTRATO DE CÂMBIO Circ , de ; Circ , de Título 5 LIQUIDAÇÃO DE CONTRATO DE CÃMBIO Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Titulo 6 CANCELAMENTO E BAIXA DE CONTRATO DE CÂMBIO Circ , de ; Circ , de Título 7 PAGAMENTO ANTECIPADO Circ , de ; Circ , de ; Circ , de

15 15 Título 8 PAGAMENTO À VISTA Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 9 COMISSÃO DE AGENTE Circ , de ; Circ , de Título 10 PAGAMENTO DE JUROS SOBRE IMPORTAÇÕES FINANCIADAS ATÉ 360 DIAS Circ , de ; Circ , de Título 11 ABERTURA E NEGOCIAÇÃO DE CARTAS DE CRÉDITO Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 12 VINCULAÇÃO ENTRE DIS E CONTRATOS DE CÂMBIO Circ , de ; Circ , de Título 13 PAGAMENTO DE IMPORTAÇÕES EM REAIS Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 14 (extinto) DISPOSIÇÕES TRANSITÓRIAS Circ , de ; Circ , de Título 14 (antigo título 17) CÂMBIO SIMPLIFICADO Circ , de ; Circ , de Título 15 MULTA SOBRE OPERAÇÕES DE IMPORTAÇÃO Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 16 OUTRAS DISPOSIÇÕES

16 (extinto) Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 17 (renumerado para título 14) CÂMBIO SIMPLIFICADO Circ , de ; Circ , de

17 CAPÍTULO 7 FRETE INTERNACIONAL 17 Regulamento instituído pela Circular 3.249, de Índice Circular 3.249, de Título 1 DISPOSIÇÕES GERAIS Circular 3.249, de Título 2 PAGAMENTOS E RECEBIMENTOS DE FRETES NO PAÍS E TRASFERÊNCIAS DO E PARA O EXTERIOR Circular 3.249, de Título 3 CONTAS DE DEPÓSITOS E RETENÇÃO DE VALORES EM MOEDA ESTRANGEIRA Circular 3.249, de

18 18 CAPÍTULO 12 CONVÊNIO DE PAGAMENTOS E CRÉDITOS RECÍPROCOS Regulamento instituído pela Circular 2.650, de Índice Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de Título 1 DISPOSIÇÕES GERAIS Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de Título 2 DEFINIÇÕES BÁSICAS Circ , de ; Circ , de Título 3 AUTORIZAÇÃO PARA OPERAR NO SISTEMA Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de Título 4 GARANTIAS OFERECIDAS PELO SISTEMA Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 5 INSTRUMENTOS DE PAGAMENTO ADMISSÍVEIS Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Titulo 6 PAGAMENTOS DO BANCO CENTRAL DO BRASIL Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de Título 7 RECOLHIMENTO AO BANCO CENTRAL DO BRASIL Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Circ , de

19 19 Título 8 REGISTROS E COMPENSAÇÃO DIÁRIA Circ , de ; Carta-Circ , de ; Circ , de ; Carta-Circ , de Título 9 DESCONTO DE TÍTULOS Circ , de Título 10 REGISTROS E INFORMAÇÕES CONTÁBEIS Circ , de Título 11 ACEITE BANCÁRIO LATINO-AMERICANO (ABLA) Circ , de

20 CAPÍTULO 16 PAÍSES COM DISPOSIÇÕES CAMBIAIS ESPECIAIS 20 Regulamento instituído pela Circular 2.945, de Índice Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de Título 1 DISPOSIÇÕES GERAIS Circ , de Título 2 ANGOLA Circ , de ; Carta-Circ , de Título 3 CUBA Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de Título 4 HUNGRIA Circ , de ; Carta-Circ , de Título 5 IRAQUE Circ , de ; Carta-Circ , de Titulo 6 (extinto) LÍBIA Circ , de ; Carta-Circ , de Título 7 AFEGANISTÃO Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de ; Carta-Circ , de Título 8 LIBÉRIA Carta-Circ , de

21 CAPÍTULO 17 CONTAS EM MOEDAS ESTRANGEIRAS NO PAÍS 21 Regulamento instituído pela Circular 2.971, de Índice Circ , de Título 1 DISPOSIÇÕES GERAIS Circ , de Título 2 EMBAIXADAS, LEGAÇÕES ESTRANGEIRAS E ORGANISMOS INTERNACIONAIS Circ , de Título 3 EMPRESAS ENCARREGADAS DA IMPLEMENTAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE PROJETOS DO SETOR ENERGÉTICO Circ , de ; Carta-Circ , de Título 4 SOCIEDADES SEGURADORAS, RESSEGURADORES LOCAIS, RESSEGURADORES ADMITIDOS E CORRETORAS DE RESSEGURO Circ , de

22 22 Última versão dos capítulos da extinta CNC que constituíam regulamentos (vigente até 13 de março de 2005) Última atualização: Atualização CNC 341, de

23 23 CAPÍTULO: Contrato de Câmbio - 01 TÍTULO: Índice do Capítulo TÍTULOS NÚMERO Alteração... 4 Baixa na Posição Cambial... 6 Celebração... 2 (NR) Disposições Gerais... 1 Forma de Entrega da Moeda Estrangeira para Liquidação de Contrato de Câmbio Intermediação nas Operações de Câmbio... 8 Liquidação... Natureza de Operação... 5 (NR) 14 (NR) Prazos para Liquidação... 3 Relação de Vínculo... 9 Taxa Cambial no Mercado de Câmbio de Taxas Livres... 7 ANEXOS Modelo de contrato de câmbio de compra - exportação - Tipo Modelo de contrato de câmbio de venda - importação - Tipo Modelo de contrato de câmbio de compra - transferências financeiras do exterior - Tipo Modelo de contrato de câmbio de venda - transferências financeiras para o exterior - Tipo Modelo de contrato de câmbio de compra - interbancário - Tipo Modelo de contrato de câmbio de venda - interbancário - Tipo Modelo de contrato de câmbio de compra - alteração - Tipo Modelo de contrato de câmbio de venda - alteração - Tipo Modelo de contrato de câmbio de compra - cancelamento - Tipo Modelo de contrato de câmbio de venda - cancelamento - Tipo Modelo de boleto de compra e venda Carta-Circular 3.103, de Atualização CNC 320 / Cap. 1 n 45 TÍTULO: Índice do Capítulo

24 24 CAPÍTULO: Contrato de Câmbio - 01 TÍTULO: Disposições Gerais Define-se contrato de câmbio como o instrumento especial firmado entre o vendedor e o comprador de moedas estrangeiras, no qual se mencionam as características das operações de câmbio e as condições sob as quais se realizam. 2. As operações de câmbio são registradas por intermédio de terminais interligados com o Sistema de Informações Banco Central - Sisbacen, através do preenchimento de telas desse sistema, de acordo com as disposições deste capítulo. (NR) 3. As codificações constantes deste capítulo e do capítulo 2, relativas à natureza da operação, constituem o Código de Classificação a que se refere o 1º do artigo 23, da Lei 4.131, de Na celebração de operações de câmbio, as partes intervenientes declaram ter pleno conhecimento das normas cambiais vigentes, notadamente da Lei 4.131, de , e alterações subseqüentes, em especial do artigo 23 do citado diploma, cujo texto constará do contrato de câmbio que se celebra, "verbis": "Art As operações cambiais no mercado de taxa livre serão efetuadas através de estabelecimentos autorizados a operar em câmbio, com a intervenção de corretor oficial quando previsto em lei ou regulamento, respondendo ambos pela identidade do cliente, assim como pela correta classificação das informações por este prestadas, segundo normas fixadas pela Superintendência da Moeda e do Crédito. 1º As operações que não se enquadrem claramente nos itens específicos do Código de Classificação adotado pela SUMOC, ou sejam classificáveis em rubricas residuais, como "Outros" e "Diversos", só poderão ser realizadas através do Banco do Brasil S/A. 2º Constitui infração imputável ao estabelecimento bancário, ao corretor e ao cliente, punível com multa de 50 (cinqüenta) a 300% (trezentos por cento) do valor da operação para cada um dos infratores, a declaração de falsa identidade no formulário que, em número de vias e segundo o modelo determinado pelo Banco Central do Brasil, será exigido em cada operação, assinado pelo cliente e visado pelo estabelecimento bancário e pelo corretor que nela intervierem. (redação dada pelo artigo 72 da Lei 9.069, de ) 3º Constitui infração, de responsabilidade exclusiva do cliente, punível com multa de 5 (cinco) a 100% (cem por cento) do valor da operação, a declaração de informações falsas no formulário a que se refere o 2º. (redação dada pelo artigo 72 da Lei 9.069, de ) 4º Constitui infração, imputável ao estabelecimento bancário e ao corretor que intervierem na operação, punível com multa equivalente de 5 (cinco) a 100% (cem por cento) do respectivo valor, para cada um dos infratores, a classificação incorreta, dentro das normas fixadas pelo Conselho da Superintendência da Moeda e do Crédito, das informações prestadas pelo cliente no formulário a que se refere o 2º deste artigo. 5º Em caso de reincidência, poderá o Conselho da Superintendência da Moeda e do Crédito cassar a autorização para operar em câmbio aos estabelecimentos bancários que negligenciarem o cumprimento do disposto no presente artigo e propor à autoridade competente igual medida em relação aos corretores. 6º O texto do presente artigo constará obrigatoriamente do formulário a que se refere o 2º." 5. A numeração das operações de câmbio, efetuada automaticamente pelo Sisbacen, é anualmente reiniciada por dependência de banco autorizado ou instituição credenciada a operar em câmbio para cada uma das séries de compra e de venda, composta do ano em curso seguido de seis dígitos. (NR) 6. A impressão do contrato de câmbio, quando exigida, deve ser legível e sem rasura ou emenda. (NR) 7. A liquidação, o cancelamento e a baixa de operações de câmbio não elidem responsabilidades que possam ser imputadas às partes e ao corretor interveniente, nos termos da legislação e regulamentação vigentes, em função de apurações que, a qualquer tempo, venham a ser efetuadas pelo Banco Central do Brasil.

25 25 8. A existência de códigos previstos neste capítulo e a possibilidade de efetuar registros no Sisbacen não pressupõem permissão para a prática de operações de câmbio que não estejam amparadas pela regulamentação vigente ou por autorização específica do Banco Central do Brasil. 9. Devem as partes adotar as cautelas necessárias quanto à guarda e manutenção dos documentos relativos a operações que se celebrem, observados os prazos regulamentares a que se sujeitem. 10. Qualquer dúvida com relação à aplicação das disposições contidas neste capítulo deverá ser dirimida junto a setor de controle cambial do Banco Central do Brasil. 11. Além das disposições contidas neste capítulo, deverão ser observadas, ainda, as particularidades de cada operação, tratadas em capítulos próprios. Circular 3.234, de Atualização CNC 328/Cap. 1 nº 50 TÍTULO: Disposições Gerais - 1

Circular nº 3.234 de 15.04.2004

Circular nº 3.234 de 15.04.2004 BANCO CENTRAL DO BRASIL Circular nº 3.234 de 15.04.2004 Altera a regulamentação cambial para prever a assinatura digital em contratos de câmbio por meio da utilização de certificados digitais emitidos

Leia mais

CIRCULAR Nº 3.376. Altera o Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais (RMCCI).

CIRCULAR Nº 3.376. Altera o Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais (RMCCI). CIRCULAR Nº 3.376 Altera o Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais (RMCCI). A Diretoria Colegiada do Banco Central do Brasil, em sessão realizada em 7 de fevereiro de 2008, com base

Leia mais

REGULAMENTO DO MERCADO DE CÂMBIO E CAPITAIS INTERNACIONAIS TÍTULO : 1 - Mercado de Câmbio CAPÍTULO : 11 - Exportação SEÇÃO : 1 - Disposições Gerais

REGULAMENTO DO MERCADO DE CÂMBIO E CAPITAIS INTERNACIONAIS TÍTULO : 1 - Mercado de Câmbio CAPÍTULO : 11 - Exportação SEÇÃO : 1 - Disposições Gerais SEÇÃO : 1 - Disposições Gerais 1. Este capítulo dispõe sobre as operações no mercado de câmbio relativas às exportações brasileiras de mercadorias e de serviços. 2. O exportador de mercadorias ou de serviços

Leia mais

REGULAMENTO DO MERCADO DE CÂMBIO E CAPITAIS INTERNACIONAIS : 1 - Mercado de Câmbio : 1 - Modelo de contrato de câmbio celebrado com clientes (NR)

REGULAMENTO DO MERCADO DE CÂMBIO E CAPITAIS INTERNACIONAIS : 1 - Mercado de Câmbio : 1 - Modelo de contrato de câmbio celebrado com clientes (NR) TÍTULO ANEXO : 1 - Mercado de Câmbio : 1 - Modelo de contrato de câmbio celebrado com clientes (NR) Tipo do contrato de câmbio [ ] compra [ ] venda Evento [ ] contratação [ ] cancelamento [ ] alteração

Leia mais

1. O Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais - RMCCI foi instituído pela Circular 3.280, de 09.03.2005, com os seguintes títulos:

1. O Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais - RMCCI foi instituído pela Circular 3.280, de 09.03.2005, com os seguintes títulos: Introdução 1. O Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais - RMCCI foi instituído pela, com os seguintes títulos: a) título 1 - Mercado de Câmbio: abrange as operações de compra e de venda

Leia mais

Circular nº 3.273 de 13.01.2005

Circular nº 3.273 de 13.01.2005 BANCO CENTRAL DO BRASIL Circular nº 3.273 de 13.01.2005 Divulga alterações no Regulamento sobre Contrato de Câmbio e Classificação de Operações do Mercado de Câmbio de Taxas Livres e o Regulamento do Mercado

Leia mais

Circular nº 3.291, de 08 de setembro de 2005 1

Circular nº 3.291, de 08 de setembro de 2005 1 CIRCULAR Nº 3.291 Altera o Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais - RMCCI. A Diretoria Colegiada do BANCO CENTRAL DO BRASIL, em sessão realizada em 1º de setembro de 2005, com base

Leia mais

REGULAMENTO DO MERCADO DE CÂMBIO E CAPITAIS INTERNACIONAIS TÍTULO : 1 - Mercado de Câmbio ANEXO : 1 - Modelo de contrato de câmbio de compra tipo 1

REGULAMENTO DO MERCADO DE CÂMBIO E CAPITAIS INTERNACIONAIS TÍTULO : 1 - Mercado de Câmbio ANEXO : 1 - Modelo de contrato de câmbio de compra tipo 1 ANEXO : 1 - Modelo de contrato de câmbio de compra tipo 1 CONTRATO DE CÂMBIO DE COMPRA - TIPO 01 EXPORTAÇAO NR. / DE / / FL. NR. 01 AS PARTES A SEGUIR DENOMINADAS, RESPECTIVAMENTE, COMPRADOR E VENDEDOR,

Leia mais

3. A formalização das operações de câmbio deve seguir o modelo do anexo 1 ou os modelos dos anexos 7 a 10 deste título.

3. A formalização das operações de câmbio deve seguir o modelo do anexo 1 ou os modelos dos anexos 7 a 10 deste título. SEÇÃO : 1 - Disposições Preliminares 1. Contrato de câmbio é o instrumento específico firmado entre o vendedor e o comprador de moeda estrangeira, no qual são estabelecidas as características e as condições

Leia mais

CIRCULAR Nº 3.330. Art. 2º Esta Circular entra em vigor na data de sua publicação. Este texto não substitui o publicado no DOU e no Sisbacen.

CIRCULAR Nº 3.330. Art. 2º Esta Circular entra em vigor na data de sua publicação. Este texto não substitui o publicado no DOU e no Sisbacen. CIRCULAR Nº 3.330 Altera o Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais (RMCCI). A Diretoria Colegiada do Banco Central do Brasil, em sessão extraordinária realizada em 27 de outubro de 2006,com

Leia mais

CIRCULAR Nº 2836. Estabelece sistemática de câmbio simplificado para as exportações brasileiras que especifica e dá outras providências.

CIRCULAR Nº 2836. Estabelece sistemática de câmbio simplificado para as exportações brasileiras que especifica e dá outras providências. CIRCULAR Nº 2836 Estabelece sistemática de câmbio simplificado para as exportações brasileiras que especifica e dá outras providências. A Diretoria Colegiada do Banco Central do Brasil, em sessão realizada

Leia mais

a) agências de turismo e prestadores de serviços turísticos; b) embaixadas, legações estrangeiras e organismos internacionais;

a) agências de turismo e prestadores de serviços turísticos; b) embaixadas, legações estrangeiras e organismos internacionais; SEÇÃO : 1 - Disposições Gerais 1. Podem ser titulares de contas em moeda estrangeira no País na forma da legislação e regulamentação em vigor, observadas as disposições deste título: a) agências de turismo

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 3.568 CAPÍTULO I. Art. 3º Os agentes autorizados a operar no mercado de câmbio podem realizar as seguintes operações:

RESOLUÇÃO Nº 3.568 CAPÍTULO I. Art. 3º Os agentes autorizados a operar no mercado de câmbio podem realizar as seguintes operações: RESOLUÇÃO Nº 3.568 Dispõe sobre o mercado de câmbio e dá outras providências. O BANCO CENTRAL DO BRASIL, na forma do art. 9º da Lei nº 4.595, de 31 de dezembro de 1964, torna público que o CONSELHO MONETÁRIO

Leia mais

CARTA-CIRCULAR Nº 2947. I - as corretoras autorizadas a operar em cambio possam intermediar contratos de cambio simplificado de exportação; e

CARTA-CIRCULAR Nº 2947. I - as corretoras autorizadas a operar em cambio possam intermediar contratos de cambio simplificado de exportação; e CARTA-CIRCULAR Nº 2947 Altera o Regulamento de Cambio de Exportação divulgado pela Circular n. 2.231, de 25 de setembro de 1992. Levamos ao conhecimento dos interessados que, tendo em vista o disposto

Leia mais

RESOLUCAO N. 003568. Dispõe sobre o mercado de câmbio e dá outras providências.

RESOLUCAO N. 003568. Dispõe sobre o mercado de câmbio e dá outras providências. RESOLUCAO N. 003568 RESOLUCAO 3.568 --------------- Dispõe sobre o mercado de câmbio e dá outras providências. O BANCO CENTRAL DO BRASIL, na forma do art. 9º da Lei nº 4.595, de 31 de dezembro de 1964,

Leia mais

CIRCULAR Nº 3.605, DE 29 DE JUNHO DE 2012

CIRCULAR Nº 3.605, DE 29 DE JUNHO DE 2012 CIRCULAR Nº 3.605, DE 29 DE JUNHO DE 2012 Documento normativo revogado, a partir de 3/2/2014, pela Circular nº 3.691, de 16/12/2013. Altera o Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais

Leia mais

CIRCULAR Nº 2735. Art. 1º Promover as seguintes alterações no regulamento do Mercado de Câmbio de Taxas Flutuantes:

CIRCULAR Nº 2735. Art. 1º Promover as seguintes alterações no regulamento do Mercado de Câmbio de Taxas Flutuantes: CIRCULAR Nº 2735 Mercado de Câmbio de Taxas Flutuantes Alteração nº 45 - Cartões de Crédito Internacionais e Vendas de Moeda Estrangeira A Diretoria do Banco Central do Brasil, em sessão realizada em 08.01.97,

Leia mais

CIRCULAR Nº 3.650, DE 18 DE MARÇO DE 2013

CIRCULAR Nº 3.650, DE 18 DE MARÇO DE 2013 CIRCULAR Nº 3.650, DE 18 DE MARÇO DE 2013 Documento normativo revogado, a partir de 3/2/2014, pela Circular nº 3.691, de 16/12/2013. Altera o Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais

Leia mais

CIRCULAR Nº 3.390. Altera o Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais (RMCCI).

CIRCULAR Nº 3.390. Altera o Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais (RMCCI). CIRCULAR Nº 3.390 Altera o Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais (RMCCI). A Diretoria Colegiada do BANCO CENTRAL DO BRASIL, em sessão realizada em 24 de junho de 2008, com base no

Leia mais

a) constituição e retorno de capitais brasileiros no exterior e de capitais estrangeiros no País;

a) constituição e retorno de capitais brasileiros no exterior e de capitais estrangeiros no País; SEÇÃO : 1 - Disposições Gerais 1. As pessoas físicas e as pessoas jurídicas podem comprar e vender moeda estrangeira ou realizar transferências internacionais em reais, de qualquer natureza, sem limitação

Leia mais

d) participação em competições esportivas, incluídos gastos com treinamento;

d) participação em competições esportivas, incluídos gastos com treinamento; CAPÍTULO : 10 - Viagens Internacionais, Cartões de Uso Internacional e Transferências Postais SEÇÃO : 1 - Viagens Internacionais 1. Esta seção trata das compras e das vendas de moeda estrangeira, inclusive

Leia mais

CIRCULAR N 2967. Art. 4º Esta Circular entra em vigor na data de sua publicação. Daniel Luiz Gleizer Diretor

CIRCULAR N 2967. Art. 4º Esta Circular entra em vigor na data de sua publicação. Daniel Luiz Gleizer Diretor CIRCULAR N 2967 Promove alterações na regulamentação cambial decorrentes da introdução da Declaração Simplificada de Exportação e da Declaração Simplificada de Importação no SISCOMEX. A Diretoria Colegiada

Leia mais

CIRCULAR N 2.971. Documento normativo revogado pela Circular nº 3.280, de 9/3/2005. Art. 1º Regulamentar os seguintes normativos:

CIRCULAR N 2.971. Documento normativo revogado pela Circular nº 3.280, de 9/3/2005. Art. 1º Regulamentar os seguintes normativos: CIRCULAR N 2.971 Documento normativo revogado pela Circular nº 3.280, de 9/3/2005. Regulamenta as Resoluções nº 2.644, de 1999, nº 2.694 e nº 2.695, ambas de 2000, e divulga o Regulamento sobre Contas

Leia mais

CIRCULAR Nº 3.531. Altera o Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais (RMCCI).

CIRCULAR Nº 3.531. Altera o Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais (RMCCI). CIRCULAR Nº 3.531 Altera o Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais (RMCCI). A Diretoria Colegiada do Banco Central do Brasil, em sessão realizada em 13 de abril de 2011, com base no

Leia mais

CIRCULAR Nº 2792. a) pagos pela utilização de cartões de crédito emitidos no País; e. II - a apresentação mensal ao Banco Central do Brasil de:

CIRCULAR Nº 2792. a) pagos pela utilização de cartões de crédito emitidos no País; e. II - a apresentação mensal ao Banco Central do Brasil de: CIRCULAR Nº 2792 Documento normativo revogado pela Circular 3280, de 09/03/2005. Mercado de Câmbio de Taxas Flutuantes Alteração nº 48 - Cartões de Crédito Internacionais A Diretoria Colegiada do Banco

Leia mais

PROGRAMA BNDES-exim PÓS-EMBARQUE SUPPLIER CREDIT REGULAMENTO

PROGRAMA BNDES-exim PÓS-EMBARQUE SUPPLIER CREDIT REGULAMENTO PROGRAMA BNDES-exim PÓS-EMBARQUE Julho/2002 SUPPLIER CREDIT REGULAMENTO 1. OBJETIVO Apoiar a comercialização, no exterior, dos bens indicados na Relação de Produtos Financiáveis aprovada pelo BNDES e/ou

Leia mais

Altera o Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais (RMCCI).

Altera o Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais (RMCCI). BANCO CENTRAL DO BRASIL DIRETORIA COLEGIADA Circular nº 3.531, de 13.04.11 DOU-1, de 14.04.11. Altera o Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais (RMCCI). A Diretoria Colegiada do Banco

Leia mais

REGULAMENTO DO MERCADO DE CÂMBIO E CAPITAIS INTERNACIONAIS - RMCCI. Atualização RMCCI 62, em vigor de 24.10.2013 a 2.2.2014 Circular 3.672.

REGULAMENTO DO MERCADO DE CÂMBIO E CAPITAIS INTERNACIONAIS - RMCCI. Atualização RMCCI 62, em vigor de 24.10.2013 a 2.2.2014 Circular 3.672. REGULAMENTO DO MERCADO DE CÂMBIO E CAPITAIS INTERNACIONAIS - RMCCI Atualização RMCCI 62, em vigor de 24.10.2013 a 2.2.2014 Circular 3.672. Introdução 1. O Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais

Leia mais

REGULAMENTO DO MERCADO DE CÂMBIO E CAPITAIS INTERNACIONAIS TÍTULO : 1 - Mercado de Câmbio CAPÍTULO : 12 - Importação SEÇÃO : 1 - Disposições Gerais

REGULAMENTO DO MERCADO DE CÂMBIO E CAPITAIS INTERNACIONAIS TÍTULO : 1 - Mercado de Câmbio CAPÍTULO : 12 - Importação SEÇÃO : 1 - Disposições Gerais SEÇÃO : 1 - Disposições Gerais 1. Este capítulo dispõe sobre: a) o pagamento de importações brasileiras a prazo de até 360 dias; b) a multa de que trata a Lei n 10.755, de 03.11.2003, tratada na seção

Leia mais

CARTA-CIRCULAR Nº 2797

CARTA-CIRCULAR Nº 2797 CARTA-CIRCULAR Nº 2797 Documento normativo revogado pela Circular 3.280, de 09/03/2005. Divulga as alterações decorrentes da edição da Circular no 2.819, de 29.04.98, e procede a ajustes operacionais nos

Leia mais

d) participação em competições esportivas, incluídos gastos com treinamento;

d) participação em competições esportivas, incluídos gastos com treinamento; CAPÍTULO : 10 - Viagens Internacionais, Cartões de Uso Internacional e Transferências Postais SEÇÃO : 1 - Viagens Internacionais 1. Esta seção trata das compras e das vendas de moeda estrangeira, inclusive

Leia mais

CIRCULAR Nº 1.534. 3. Esta Circular entra em vigor na data de sua publicação.

CIRCULAR Nº 1.534. 3. Esta Circular entra em vigor na data de sua publicação. 1 CIRCULAR Nº 1.534 Mercado de Câmbio de Taxas Flutuantes - Atualização nº 4 Comunicamos que a Diretoria do Banco Central do Brasil, em sessão de 05.09.89, e tendo em vista o disposto na Resolução nº 1.552,

Leia mais

CIRCULAR Nº 3.691, DE 16 DE DEZEMBRO DE 2013

CIRCULAR Nº 3.691, DE 16 DE DEZEMBRO DE 2013 CIRCULAR Nº 3.691, DE 16 DE DEZEMBRO DE 2013 Regulamenta a Resolução nº 3.568, de 29 de maio de 2008, que dispõe sobre o mercado de câmbio e dá outras providências. A Diretoria Colegiada do Banco Central

Leia mais

CIRCULAR Nº 3.454. Altera o Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais (RMCCI).

CIRCULAR Nº 3.454. Altera o Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais (RMCCI). CIRCULAR Nº 3.454 Altera o Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais (RMCCI). A Diretoria Colegiada do Banco Central do Brasil, em sessão realizada em 12 de maio de 2009, com base no art.

Leia mais

CIRCULAR Nº 3.607, DE 3 DE AGOSTO DE 2012

CIRCULAR Nº 3.607, DE 3 DE AGOSTO DE 2012 CIRCULAR Nº 3.607, DE 3 DE AGOSTO DE 2012 Altera o Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais (RMCCI). A Diretoria Colegiada do Banco Central do Brasil, em sessão realizada em 1º de agosto

Leia mais

QUADRO COMPARATIVO 1 UNIFICAÇÃO DOS MERCADOS DE CÂMBIO

QUADRO COMPARATIVO 1 UNIFICAÇÃO DOS MERCADOS DE CÂMBIO 1 QUADRO COMPARATIVO 1 UNIFICAÇÃO DOS MERCADOS DE CÂMBIO Resolução 3.265, de 4 de março de 2005. (reunião do Mercado de Câmbio de Taxas Livres e do Mercado de Câmbio de Taxas Flutuantes e instituição de

Leia mais

CIRCULAR Nº 3.591, DE 2 DE MAIO DE 2012

CIRCULAR Nº 3.591, DE 2 DE MAIO DE 2012 CIRCULAR Nº 3.591, DE 2 DE MAIO DE 2012 Altera o Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais (RMCCI). A Diretoria Colegiada do Banco Central do Brasil, em sessão realizada em 24 de abril

Leia mais

CIRCULAR Nº 3249. Art. 3º Divulgar as folhas anexas, necessárias à atualização da CNC. - Carta-Circular 2.201, de 20 de agosto de 1991;

CIRCULAR Nº 3249. Art. 3º Divulgar as folhas anexas, necessárias à atualização da CNC. - Carta-Circular 2.201, de 20 de agosto de 1991; CIRCULAR Nº 3249 Divulga o Regulamento sobre Frete Internacional, e dá outras providências. A Diretoria Colegiada do Banco Central do Brasil, com base nos artigos 9º e 11 da Lei 4.595, de 31 de dezembro

Leia mais

4. O cadastramento a que se refere o item anterior deve ser efetuado concomitantemente à abertura da conta.

4. O cadastramento a que se refere o item anterior deve ser efetuado concomitantemente à abertura da conta. 1 SEÇÃO : 1 - Disposições Gerais 1. As pessoas físicas ou jurídicas, residentes, domiciliadas ou com sede no exterior, podem ser titulares de contas de depósito em moeda nacional no País, exclusivamente

Leia mais

Contrato de Empréstimo para Cliente Pré- Selecionado - Crédito Citibank

Contrato de Empréstimo para Cliente Pré- Selecionado - Crédito Citibank Contrato de Empréstimo para Cliente Pré- Selecionado - Crédito Citibank CONSIDERANDO QUE: i) A empresa para a qual o MUTUÁRIO trabalha ( EMPREGADOR ) celebrou com o MUTUANTE (BANCO CITIBANK S.A.) Convênio

Leia mais

Valor em moeda estrangeira 3.625,82(TRES MIL SEISCENTOS E VINTE E CINCO DOLARES E OITENTA E DOIS CENTAVOS)

Valor em moeda estrangeira 3.625,82(TRES MIL SEISCENTOS E VINTE E CINCO DOLARES E OITENTA E DOIS CENTAVOS) As partes a seguir denominadas, instituição financeira autorizada a operar no mercado de câmbio e cliente, contratam a presente operação de câmbio, nas condições aqui estipuladas e declaram que a mesma

Leia mais

A NOVA REGULAMENTAÇÃO DAS EXPORTAÇÕES BRASILEIRAS

A NOVA REGULAMENTAÇÃO DAS EXPORTAÇÕES BRASILEIRAS REVISTA JURÍDICA CONSULEX ONLINE Conjuntura Walter Douglas Stuber WALTER DOUGLAS STUBER é sócio do escritório Stuber Advogados Associados, especializado em Direito Bancário, Mercado de Capitais e Negociações

Leia mais

Circular 429/2012 - Revogada CIRCULAR 510/2015 IMPACTOS

Circular 429/2012 - Revogada CIRCULAR 510/2015 IMPACTOS Circular 429/2012 - Revogada CIRCULAR 510/2015 IMPACTOS Art. 1o O registro e as atividades de corretagem de seguros realizadas no país ficam subordinadas às disposições desta Circular. Parágrafo único.

Leia mais

REGULAMENTO DO MERCADO DE CÂMBIO E CAPITAIS INTERNACIONAIS TÍTULO : 1 - Mercado de Câmbio CAPÍTULO : 1 - Disposições Gerais

REGULAMENTO DO MERCADO DE CÂMBIO E CAPITAIS INTERNACIONAIS TÍTULO : 1 - Mercado de Câmbio CAPÍTULO : 1 - Disposições Gerais 1 1. O presente título trata das disposições normativas e dos procedimentos relativos ao mercado de câmbio, de acordo com a Resolução n 3.568, de 29.05.2008. 2. As disposições deste título aplicam-se às

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 3265. Documento normativo revogado pela Resolução 3.568, de 29/05/2008, a partir de 01/07/2008.

RESOLUÇÃO Nº 3265. Documento normativo revogado pela Resolução 3.568, de 29/05/2008, a partir de 01/07/2008. RESOLUÇÃO Nº 3265 01/07/2008. Documento normativo revogado pela Resolução 3.568, de 29/05/2008, a partir de Dispõe sobre o Mercado de Câmbio e dá outras providências. O BANCO CENTRAL DO BRASIL, na forma

Leia mais

Este texto não substitui o publicado no DOU e no Sisbacen.

Este texto não substitui o publicado no DOU e no Sisbacen. 1 RESOLUÇÃO Nº 530 O BANCO CENTRAL DO BRASIL, na forma do art. 9º da Lei nº 4.595, de 31.12.64, torna público que o CONSELHO MONETÁRIO NACIONAL, em sessão realizada nesta data, tendo em vista o disposto

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 3.954. Altera e consolida as normas que dispõem sobre a contratação de correspondentes no País.

RESOLUÇÃO Nº 3.954. Altera e consolida as normas que dispõem sobre a contratação de correspondentes no País. RESOLUÇÃO Nº 3.954 Altera e consolida as normas que dispõem sobre a contratação de correspondentes no País. O Banco Central do Brasil, na forma do art. 9º da Lei nº 4.595, de 31 de dezembro de 1964, torna

Leia mais

SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS CIRCULAR SUSEP N.º 510, DE 22 DE JANEIRO DE 2015.

SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS CIRCULAR SUSEP N.º 510, DE 22 DE JANEIRO DE 2015. SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS CIRCULAR SUSEP N.º 510, DE 22 DE JANEIRO DE 2015. Dispõe sobre o registro de corretor de seguros, de capitalização e de previdência, pessoa física e pessoa jurídica,

Leia mais

CARTA-CIRCULAR - N 1177

CARTA-CIRCULAR - N 1177 CARTA-CIRCULAR - N 1177 Documento normativo revogado pela Carta-Circular 2.823, de 13/11/1998. Em decorrência do disposto nas Resoluções n 83, de 03.01.68, e 613, de 08.05.80, nas Circulares n 180, de

Leia mais

Contrato Para Realização, via Internet, de Operações nos Mercados à Vista e de Opções.

Contrato Para Realização, via Internet, de Operações nos Mercados à Vista e de Opções. Contrato Para Realização, via Internet, de Operações nos Mercados à Vista e de Opções. A Talarico CCTM Ltda, com sede na Cidade de São Paulo, à Av. Paulista, 1776-6 andar, inscrita no CNPJ sob o nº 61.729.133/0001-98,

Leia mais

CIRCULAR N 2106. Art. 1º. Extinguir, a partir de 01.01.92, inclusive, o documento Carteira de Câmbio-Normas Contábeis - COCAM.

CIRCULAR N 2106. Art. 1º. Extinguir, a partir de 01.01.92, inclusive, o documento Carteira de Câmbio-Normas Contábeis - COCAM. CIRCULAR N 2106 Programa Federal de Desregulamentação - Decreto nº 99.179, de 15.03.90 - extingue o documento Carteira de Câmbio Normas Contábeis - e altera o Plano Contábil das Instituições do Sistema

Leia mais

CIRCULAR Nº 3.248. Documento normativo revogado pela Circular nº 3.346, de 28/3/2007.

CIRCULAR Nº 3.248. Documento normativo revogado pela Circular nº 3.346, de 28/3/2007. CIRCULAR Nº 3.248 Documento normativo revogado pela Circular nº 3.346, de 28/3/2007. Dispõe sobre a transferência de recursos de que tratam os arts. 3º e 8º da Lei 9.311, de 1996, e 85 do Ato das Disposições

Leia mais

José Luiz Silveira Miranda Diretor Este texto não substitui o publicado no DOU e no Sisbacen.

José Luiz Silveira Miranda Diretor Este texto não substitui o publicado no DOU e no Sisbacen. 1 CIRCULAR Nº 868 Aos Estabelecimentos Bancários, Caixas Econômicas e Cooperativas de Crédito participantes do Serviço de Compensação de Cheques e Outros Papéis. Comunicamos que a Diretoria do Banco Central

Leia mais

RESOLUÇÃO N 3.518. Documento normativo revogado pela Resolução 3.919, de 25/11/2010.

RESOLUÇÃO N 3.518. Documento normativo revogado pela Resolução 3.919, de 25/11/2010. RESOLUÇÃO N 3.518 Documento normativo revogado pela Resolução 3.919, de 25/11/2010. Disciplina a cobrança de tarifas pela prestação de serviços por parte das instituições financeiras e demais instituições

Leia mais

CONTRATO PARA REALIZAÇÃO DE OPERAÇÕES NO MERCADO A TERMO

CONTRATO PARA REALIZAÇÃO DE OPERAÇÕES NO MERCADO A TERMO São partes neste instrumento: I CORRETORA: CONTRATO PARA REALIZAÇÃO DE OPERAÇÕES NO MERCADO A TERMO ALFA CORRETORA DE CÂMBIO E VALORES MOBILIÁRIOS S.A., com sede no Município de São Paulo, Estado de São

Leia mais

ADQUIRENTES: Empresas responsáveis pela comunicação das TRANSAÇÕES entre o ESTABELECIMENTO, o BANCO EMISSOR e as bandeiras de CARTÃO DE CRÉDITO.

ADQUIRENTES: Empresas responsáveis pela comunicação das TRANSAÇÕES entre o ESTABELECIMENTO, o BANCO EMISSOR e as bandeiras de CARTÃO DE CRÉDITO. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE GESTÃO DE PAGAMENTOS E OUTRAS AVENÇAS ESTABELECIMENTO AO SISTEMA EVOLUCARD Pelo presente instrumento particular, as Partes, de um lado, EVOLUCARD S/A., com sede na

Leia mais

Aula nº 10 - MERCADO DE CÂMBIO

Aula nº 10 - MERCADO DE CÂMBIO POLÍTICA CAMBIAL Chama-se política cambial o conjunto de ações do Governo que influem no comportamento do mercado de câmbio e da taxa de O Banco Central executa a política cambial definida pelo Conselho

Leia mais

Circular nº 559, de 29 de julho de 1980

Circular nº 559, de 29 de julho de 1980 1 CIRCULAR Nº 559 Aos Estabelecimentos Bancários, Caixas Econômicas e Cooperativas de Crédito participantes do Serviço de Compensação de Cheques e Outros Papéis. Comunicamos que a Diretoria deste Banco

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos MEDIDA PROVISÓRIA Nº 206, DE 6 DE AGOSTO 2004. Altera a tributação do mercado financeiro e de capitais, institui o Regime Tributário

Leia mais

SUMÁRIO EXECUTIVO. Resumo do Regulamento da Utilização dos Cartões de Crédito Bradesco Empresariais IMPORTANTE: LEIA ESTE SUMÁRIO COM ATENÇÃO

SUMÁRIO EXECUTIVO. Resumo do Regulamento da Utilização dos Cartões de Crédito Bradesco Empresariais IMPORTANTE: LEIA ESTE SUMÁRIO COM ATENÇÃO SUMÁRIO EXECUTIVO Resumo do Regulamento da Utilização dos Cartões de Crédito Bradesco Empresariais IMPORTANTE: LEIA ESTE SUMÁRIO COM ATENÇÃO Este sumário representa um resumo das principais informações

Leia mais

O ISS e as tarifas bancárias

O ISS e as tarifas bancárias O ISS e as tarifas bancárias No jargão bancário, tarifa é a contrapartida de uma prestação de serviço, é a receita decorrente do serviço prestado. Por conseguinte, sempre que o Banco registra uma receita

Leia mais

CARTA-CIRCULAR N 1201. Documento normativo revogado pela Carta-Circular 3.173, de 28/02/2005.

CARTA-CIRCULAR N 1201. Documento normativo revogado pela Carta-Circular 3.173, de 28/02/2005. CARTA-CIRCULAR N 1201 Documento normativo revogado pela Carta-Circular 3.173, de 28/02/2005. Comunicamos que, visando ao aperfeiçoamento das normas que regem o Serviço de Compensação de Cheques e Outros

Leia mais

Introdução. Capitais Internacionais

Introdução. Capitais Internacionais Capitais Internacionais e Mercado de Câmbio no Brasil Atualizado em novembro de 2010 1 Introdução O tratamento aplicável aos fluxos de capitais e às operações de câmbio acompanhou as conjunturas econômicas

Leia mais

MANUAL DE NORMAS OPÇÕES FLEXÍVEIS SOBRE AÇÃO, COTA DE FUNDO DE INVESTIMENTO E ÍNDICE

MANUAL DE NORMAS OPÇÕES FLEXÍVEIS SOBRE AÇÃO, COTA DE FUNDO DE INVESTIMENTO E ÍNDICE MANUAL DE NORMAS OPÇÕES FLEXÍVEIS SOBRE AÇÃO, COTA DE FUNDO DE INVESTIMENTO E ÍNDICE VERSÃO: 06/09/2010 MANUAL DE NORMAS OPÇÕES FLEXÍVEIS SOBRE AÇÃO, COTA DE FUNDO DE INVESTIMENTO E ÍNDICE 2/13 ÍNDICE

Leia mais

CIRCULAR Nº 3.530. I - capítulo 17, seções 2, 3, 4, 6, 7 e 8;

CIRCULAR Nº 3.530. I - capítulo 17, seções 2, 3, 4, 6, 7 e 8; Página 1 de 2 CIRCULAR Nº 3.530 Altera o Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais (RMCCI). A Diretoria Colegiada do Banco Central do Brasil, em sessão realizada em 6 de abril de 2011,

Leia mais

CONTRATO PARA UTILIZAÇÃO DE CARTÃO CLUBE DEMAIS ALIMENTAÇÃO, QUE ENTRE SI CELEBRAM: SUPERMERCADOS DB LTDA E,

CONTRATO PARA UTILIZAÇÃO DE CARTÃO CLUBE DEMAIS ALIMENTAÇÃO, QUE ENTRE SI CELEBRAM: SUPERMERCADOS DB LTDA E, CONTRATO PARA UTILIZAÇÃO DE CARTÃO CLUBE DEMAIS ALIMENTAÇÃO, QUE ENTRE SI CELEBRAM: SUPERMERCADOS DB LTDA E, NAS MODALIDAES PAT- PROGRAMA DE ALIMENTAÇÃO DOS TRABALHADORES E/OU PRÊMIO - PREMIAÇÃO E INCENTIVO

Leia mais

MERCADO DE CÂMBIO BRASILEIRO

MERCADO DE CÂMBIO BRASILEIRO MERCADO DE CÂMBIO BRASILEIRO As pessoas físicas e as pessoas jurídicas podem comprar e vender moeda estrangeira ou realizar transferências internacionais em reais, de qualquer natureza, sem limitação de

Leia mais

CARTA-CIRCULAR N 2733

CARTA-CIRCULAR N 2733 CARTA-CIRCULAR N 2733 Documento normativo revogado pela Circular 3.081, de 17/01/2002. Mercado de Cambio de Taxas Flutuantes - Atualização no 46 Levamos ao conhecimento dos interessados que em face da

Leia mais

Introdução. Capitais Internacionais

Introdução. Capitais Internacionais Capitais Internacionais e Mercado de Câmbio no Brasil Atualizado em fevereiro de 2009 1 Introdução O tratamento aplicável aos fluxos de capitais e às operações de câmbio acompanhou as conjunturas econômicas

Leia mais

CONVÊNIO DO SISTEMA DE PAGAMENTOS EM MOEDA LOCAL ENTRE A REPÚBLICA ARGENTINA E A REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL

CONVÊNIO DO SISTEMA DE PAGAMENTOS EM MOEDA LOCAL ENTRE A REPÚBLICA ARGENTINA E A REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL CONVÊNIO DO SISTEMA DE PAGAMENTOS EM MOEDA LOCAL ENTRE A REPÚBLICA ARGENTINA E A REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL O Banco Central de la República Argentina e O Banco Central do Brasil, Tendo em vista a Decisão

Leia mais

BuscaLegis.ccj.ufsc.br

BuscaLegis.ccj.ufsc.br BuscaLegis.ccj.ufsc.br Estudo das garantias nos contratos mercantis internacionais Vanessa Rugai* Por várias razões, nem sempre os compradores conseguem crédito junto aos seus fornecedores. Uma forma de

Leia mais

CIRCULAR Nº 3.436. II - capítulo 16, seção 4, subseções 2 e 4; e. Art. 2 Esta circular entra em vigor na data de sua publicação.

CIRCULAR Nº 3.436. II - capítulo 16, seção 4, subseções 2 e 4; e. Art. 2 Esta circular entra em vigor na data de sua publicação. Página 1 de 1 CIRCULAR Nº 3.436 Altera o Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais (RMCCI). A Diretoria Colegiada do Banco Central do Brasil, em sessão realizada em 6 de fevereiro de 2009,

Leia mais

CONTRATO DO CLIENTE AO SISTEMA DE CARTÃO PRÓPRIO REDE VIVO SUPERMERCADOS

CONTRATO DO CLIENTE AO SISTEMA DE CARTÃO PRÓPRIO REDE VIVO SUPERMERCADOS CONTRATO DO CLIENTE AO SISTEMA DE CARTÃO PRÓPRIO REDE VIVO SUPERMERCADOS O presente documento contempla as cláusulas aplicadas no Contrato para aquisição de mercadorias do mix de produtos de todas as lojas

Leia mais

CONVITE Nº 14/2010. DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 01 / 06 / 2010 às 15 horas

CONVITE Nº 14/2010. DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 01 / 06 / 2010 às 15 horas CONVITE Nº 14/2010 DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 01 / 06 / 2010 às 15 horas 01. DISPOSIÇÕES INICIAIS 1.1 O Senac Departamento Nacional torna público que, na Seção de Material,

Leia mais

Regulamento da Letra de Crédito do Agronegócio - LCA emitida pelo Banco do Brasil

Regulamento da Letra de Crédito do Agronegócio - LCA emitida pelo Banco do Brasil Regulamento da Letra de Crédito do Agronegócio - LCA emitida pelo Banco do Brasil (registrado no Cartório Marcelo Ribas 1 º Registro de Títulos e Documentos, em Brasília (DF), sob o no. 639.251, em 25.02.2005)

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 2.747. II - endereços residencial e comercial completos; (NR) III - número do telefone e código DDD;

RESOLUÇÃO Nº 2.747. II - endereços residencial e comercial completos; (NR) III - número do telefone e código DDD; RESOLUÇÃO Nº 2.747 Altera normas relativas à abertura e ao encerramento de contas de depósitos, a tarifas de serviços e ao cheque. O BANCO CENTRAL DO BRASIL, na forma do art. 9º da Lei nº 4.595, de 31

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DO CARTÃO PRÉ-PAGO AVISTA MASTERCARD PAG

TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DO CARTÃO PRÉ-PAGO AVISTA MASTERCARD PAG TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DO CARTÃO PRÉ-PAGO AVISTA MASTERCARD PAG O presente instrumento denominado Termos e Condições Gerais de Uso do Cartão Pré-Pago Avista MasterCard PAG ( Termo ) aplica-se

Leia mais

REGULAMENTO DE ABERTURA, MOVIMENTAÇÃO E ENCERRAMENTO DE CONTA CORRENTE

REGULAMENTO DE ABERTURA, MOVIMENTAÇÃO E ENCERRAMENTO DE CONTA CORRENTE REGULAMENTO DE ABERTURA, MOVIMENTAÇÃO E ENCERRAMENTO DE CONTA CORRENTE Registrado no 3 Oficial de Registro de Títulos e Documentos e Civil de Pessoa Jurídica SP, sob o n 8700403 em 15 de janeiro de 2009

Leia mais

CIRCULAR SUSEP N 127, de 13 de abril de 2000

CIRCULAR SUSEP N 127, de 13 de abril de 2000 MINISTÉRIO DA FAZENDA Superintendência de Seguros Privados CIRCULAR SUSEP N 127, de 13 de abril de 2000 Dispõe sobre a atividade de corretor de seguros, e dá outras providências. O SUPERINTENDENTE DA SUPERINTENDÊNCIA

Leia mais

ANEXO À RESOLUÇÃO N.º 247, DE 14 DE DEZEMBRO DE 2000

ANEXO À RESOLUÇÃO N.º 247, DE 14 DE DEZEMBRO DE 2000 ANEXO À RESOLUÇÃO N.º 247, DE 14 DE DEZEMBRO DE 2000 REGULAMENTO PARA ARRECADAÇÃO DA CONTRIBUIÇÃO DAS PRESTADORAS DE SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES PARA O FUNDO DE UNIVERSALIZAÇÃO DOS SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONSTITUIÇÃO DE GARANTIA DE PENHOR DE DIREITOS. Quadro Resumo

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONSTITUIÇÃO DE GARANTIA DE PENHOR DE DIREITOS. Quadro Resumo INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONSTITUIÇÃO DE GARANTIA DE PENHOR DE DIREITOS Quadro Resumo BANCO CNPJ/MF Banco Bradesco S.A. 60.746.948/0001 12 Sede Cidade de Deus, Município e Comarca de Osasco, Estado de

Leia mais

2. ADESÃO AO PROGRAMA 2.1. A adesão pelos CLIENTES ao PROGRAMA será automática quando do desbloqueio dos CARTÕES.

2. ADESÃO AO PROGRAMA 2.1. A adesão pelos CLIENTES ao PROGRAMA será automática quando do desbloqueio dos CARTÕES. REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BENEFÍCIOS PAN+ 1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1.1. Este Regulamento estabelece as regras de participação dos clientes pessoa física Titulares e Adicionais ("CLIENTES" ou "CLIENTE")

Leia mais

Ass.: Programa BNDES de Financiamento a Caminhoneiros - BNDES PROCAMINHONEIRO

Ass.: Programa BNDES de Financiamento a Caminhoneiros - BNDES PROCAMINHONEIRO CIRCULAR Nº 80/2009 Rio de Janeiro, 24 de julho de 2009 Ref.: FINAME e FINAME LEASING Ass.: Programa BNDES de Financiamento a Caminhoneiros - BNDES PROCAMINHONEIRO O Superintendente da Área de Operações

Leia mais

CONTRATO n 002/2015. PARÁGRAFO ÚNICO - São as seguintes as modalidades de Ordens Bancárias, a serem processadas pelo Sistema OBN:

CONTRATO n 002/2015. PARÁGRAFO ÚNICO - São as seguintes as modalidades de Ordens Bancárias, a serem processadas pelo Sistema OBN: CONTRATO n 002/2015. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE PAGAMENTO A FORNECEDORES DE BENS E SERVIÇOS E DE SERVIDORES, QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE CANDELÁRIA (RS) E O BANCO DO BRASIL S.A. O MUNICÍPIO

Leia mais

FIES. O que é o FIES? Quem pode solicitar o FIES? É exigido o ENEM para o FIES?

FIES. O que é o FIES? Quem pode solicitar o FIES? É exigido o ENEM para o FIES? FIES O que é o FIES? O Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) é um programa do Ministério da Educação destinado a financiar a graduação na educação superior de estudantes matriculados em instituições

Leia mais

RESOLUÇÃO N 3518. Parágrafo único. Para efeito desta resolução:

RESOLUÇÃO N 3518. Parágrafo único. Para efeito desta resolução: RESOLUÇÃO N 3518 Disciplina a cobrança de tarifas pela prestação de serviços por parte das instituições financeiras e demais instituições autorizadas a funcionar pelo Banco Central do Brasil. O BANCO CENTRAL

Leia mais

CIRCULAR N 3160. Art. 4º Esta Circular entra em vigor na data de sua publicação. Beny Parnes Diretor

CIRCULAR N 3160. Art. 4º Esta Circular entra em vigor na data de sua publicação. Beny Parnes Diretor CIRCULAR N 3160 Admite o curso sob o Convênio de Pagamentos e Créditos Recíprocos de instrumentos de pagamento com prazo superior a 360 dias. A Diretoria Colegiada do Banco Central do Brasil, em sessão

Leia mais

até 31.08.87 100% até 30.09.87 95% até 30.10.87 90% até 30.11.87 85% até 31.12.87 80% Circular n 1214, de 4 de agosto de 1987

até 31.08.87 100% até 30.09.87 95% até 30.10.87 90% até 30.11.87 85% até 31.12.87 80% Circular n 1214, de 4 de agosto de 1987 1 06/01/1988. CIRCULAR Nº 1.214 Documento normativo revogado pela Circular 1278, de 05/01/1988, a partir de Às Sociedades de Crédito Imobiliário, Associações de Poupança e Empréstimo e Caixas Econômicas

Leia mais

PARÁGRAFO ÚNICO - São as seguintes as modalidades de Ordens Bancárias, a serem processadas pelo Sistema OBN:

PARÁGRAFO ÚNICO - São as seguintes as modalidades de Ordens Bancárias, a serem processadas pelo Sistema OBN: CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE PAGAMENTO A FORNECEDORES DE BENS E SERVIÇOS E DE SERVIDORES, QUE ENTRE SI CELEBRAM O /ESTADO OU MUNICÍPIO DE/ E O BANCO DO BRASIL S.A.. O /ESTADO OU MUNICÍPIO DE/,

Leia mais

Edital de Credenciamento 003/2012

Edital de Credenciamento 003/2012 1/5 Edital de Credenciamento 003/2012 1 DO OBJETO: 1.1. O presente Termo tem por objetivo o credenciamento de Instituições Financeiras autorizadas a funcionar pelo Banco Central do Brasil, para prestação

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 1.655 R E S O L V E U:

RESOLUÇÃO Nº 1.655 R E S O L V E U: 1 RESOLUÇÃO Nº 1.655 O BANCO CENTRAL DO BRASIL, na forma do artigo 9º da Lei nº 4.595, de 31.12.64, torna público que o CONSELHO MONETÁRIO NACIONAL, em sessão realizada em 25.10.89, tendo em vista o disposto

Leia mais

RESOLUÇÃO CNSP N o 296, DE 2013.

RESOLUÇÃO CNSP N o 296, DE 2013. MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS RESOLUÇÃO CNSP N o 296, DE 2013. Dispõe sobre as regras e os critérios para operação do seguro de garantia estendida, quando da aquisição de

Leia mais

FORMATO RELATÓRIOS DEMONSTRATIVOS

FORMATO RELATÓRIOS DEMONSTRATIVOS INSTRUÇÕES PARA A EXECUÇÃO FINANCEIRA/PRESTAÇÃO DE CONTAS DE RECURSOS TRANSFERIDOS PELO MINISTÉRIO/ORGANISMOS INTERNACIONAL REFERENTE AOS CONTRATOS DE FINANCIAMENTO DE ATIVIDADES FORMATO RELATÓRIOS DEMONSTRATIVOS

Leia mais

CAPES COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR Anexo I Portaria nº 028, de 27 de janeiro de 2010. Anexo I

CAPES COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR Anexo I Portaria nº 028, de 27 de janeiro de 2010. Anexo I Anexo I REGULAMENTO DA CONCESSÃO DO AUXÍLIO FINANCEIRO A PROJETO EDUCACIONAL E DE PESQUISA - AUXPE 1. Da Concessão e Aceitação 1.1 A solicitação e concessão de recursos financeiros dar-se-á mediante celebração

Leia mais

ANEXO VI TOMADA DE PREÇOS Nº 002/2015 MINUTA DO CONTRATO

ANEXO VI TOMADA DE PREÇOS Nº 002/2015 MINUTA DO CONTRATO ANEXO VI TOMADA DE PREÇOS Nº 002/2015 MINUTA DO CONTRATO CONSELHO DE ARQUITETURA E URBANISMO DE SANTA CATARINA, autarquia federal de fiscalização profissional regida pela Lei n 12.378, de 31 de dezembro

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 1.082. Fixa benefícios para abertura de agência bancária pioneira. (Ver Resolução 1632, de 24/08/1989).

RESOLUÇÃO Nº 1.082. Fixa benefícios para abertura de agência bancária pioneira. (Ver Resolução 1632, de 24/08/1989). 1 RESOLUÇÃO Nº 1.082 Fixa benefícios para abertura de agência bancária pioneira. (Ver Resolução 1632, de 24/08/1989). Documento normativo revogado pela Resolução 2099, de 17/08/1994. O BANCO CENTRAL DO

Leia mais

2.1.1 Para caracterizar a inadimplência é preciso que haja um atraso de 5 (cinco) dias de pagamento da fatura.

2.1.1 Para caracterizar a inadimplência é preciso que haja um atraso de 5 (cinco) dias de pagamento da fatura. REGULAMENTO DO PROGRAMA DE RELACIONAMENTO DO CARTÃO PORTO SEGURO VISA PORTOSEG S/A CRÉDITO, FINANCIAMENTO E INVESTIMENTO, com sede na cidade de São Paulo, na Rua Guaianazes n. 1238 Campos Elíseos CEP 01204-000,

Leia mais

30.107 - SISTEMA DE OPERAÇÕES CERTIFICADO DE DEPÓSITO AGROPECUÁRIO E WARRANT AGROPECUÁRIO Data de Aprovação: 09/03/2006 Data de Alt eração: 28/07/2008

30.107 - SISTEMA DE OPERAÇÕES CERTIFICADO DE DEPÓSITO AGROPECUÁRIO E WARRANT AGROPECUÁRIO Data de Aprovação: 09/03/2006 Data de Alt eração: 28/07/2008 30.107 - SISTEMA DE OPERAÇÕES CERTIFICADO DE DEPÓSITO AGROPECUÁRIO E WARRANT AGROPECUÁRIO Data de Aprovação: 09/03/2006 Data de Alt eração: 28/07/2008 ÍNDICE CAPÍTULO I - GENERALIDADES... 1/1 I II III

Leia mais