AFONÉTICA e a FONOLOGIA estudam a articulação dos

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "AFONÉTICA e a FONOLOGIA estudam a articulação dos"

Transcrição

1 GRAMÁTICA Fonética AFONÉTICA e a FONOLOGIA estudam a articulação dos sons de uma língua. A primeira se preocupa com as variantes dos sons emitidos, estudando o modo pelo qual a fala sofre mudanças regionais ou individuais. A segunda analisa o valor dos fonemas na formação das palavras. Com efeito, para os nossos estudos nos interessam as seguintes primeiras noções: Fonema é a menor unidade sonora de uma língua, capaz de produzir distinção de sentido. Letra é a representação gráfica do fonema na escrita. Compare os exemplos: Pato pata Rato Mato Tato Bato Importante: 1 Nem sempre o número de fonemas, numa palavra, iguala-se ao número de letras, e essa é uma das razões de nossas primeiras dificuldades ortográficas. Observe: As consoantes são ruídos que soam com as vogais na formação das sílabas. Veja as palavras em que elas estão destacadas. MeSa LiVRo CaDeRNo HiPóCRaTeS As mesmas classificam-se quanto ao modo de articulação em oclusivas e constritivas. Quanto ao ponto ou zona de articulação em bilabiais, labiodentais, linguodentais, alveolares, palatais e velares. Quanto ao papel das cavidades bucal e nasal são orais e nasais. É importante destacar que o estudo da classificação das vogais e das consoantes é útil, nesta série, para enriquecer-se uma análise textual. Conhecendo a forma de emissão das vogais e das consoantes, pode-se compreender o efeito de sentido que a exploração do emprego dos fonemas conferem ao texto. Encontros Vocálicos e Consonantais A fim de se aprofundar os estudos de fonologia e se obter um melhor domínio da estrutura da língua portuguesa, observe as palavras abaixo: 2 Nem sempre as letras utilizadas para representar, na grafia, a palavra correspondem aos sons da pronúncia. Os FONEMAS são classificados em VOGAIS, SEMIVOGAIS (fonemas vocálicos) e CONSONANTAIS (fonemas consonantais). As vogais são constitutivas da formação silábica; em português não há sílaba sem vogal. As vogais podem ser orais quanto ao papel das cavidades bucal e nasal abertas, fechadas ou reduzidas quanto ao timbre tônicas ou átonas quanto à intensidade média, posteriores, anteriores quanto à zona de articulação. As semivogais não formam sílabas sozinhas, a não ser acompanhadas por outra vogal. São representadas foneticamente pelos símbolos y e w. Como ocorre nas palavras: pátio, resíduo. Vale salientar que as letras m ou n, quando mera nasalização da vogal antecedente, como na palavra campo kãpu, a letra h inicial mero símbolo do alfabeto, em palavras como: homem ou hoje e a letra u, não-sonoro nos grupos gu ou qu em palavras como: guerra e quisto, não representam fonemas. Existem, portanto, três tipos de encontros vocálicos: ENCONTRO VOCÁLICO DITONGO TRITONGO HIATO DEFINIÇÃO encontro de dois sons vocálicos na mesma sílaba encontro de três sons vocálicos na mesma sílaba encontro de dois sons vocálicos pronunciados um numa sílaba e outro na imediatamente seguinte EXEMPLOS fai-xa, es-tu-dou co-lé-gio i-guais sa-guão su-a-do sa-ú-de sa-í-da 1

2 Fonética É importante acrescentar as seguintes observações: 1 Os ditongos se subdividem em: crescente (semivogal + vogal)! água, delícia, contínuo decrescente (vogal + semivogal! amei, irmão 2 Quanto ao modo de pronúncia da vogal base do ditongo e dos tritongos: orais água, pai, iguais nasais irmão, saguões 3 Os grupos am, em ou en podem constituir ditongo (e às vezes tritongo) no final de palavras. Isso ocorre nas palavras: porém, enxáguam. Note que, nesses casos, o ditongo aparece na pronúncia, e não na escrita. Além dos encontros vocálicos, há os encontros consonantais. Ocorrem quando há um grupo de consoantes sem vogal intermediária, pronunciadas em uma só sílaba. flor grande digno prato Diferente dos encontros consonantais, os dígrafos são grupos de duas letras que representam apenas um fonema. passo nascer queijo Os dígrafos podem ser consonantais ou vocálicos. Ocorrem os primeiros quando um grupo de letras representa um fonema consonantal. Os segundos, quando representa um fonema vocálico. Veja os consonantais: ch chaveiro sc nascer ss professor sc desça rr carro lh alho xc exceder qu queijo nh ninho Classificação das Palavras Para um bom andamento da aula é importante destacar em primeiro lugar a noção de sílaba. Entende-se como sílaba cada parte da palavra, pronunciada a cada emissão de voz, cuja base é um fonema vocálico. As palavras recebem classificações quanto ao número de sílabas e quanto à posição da sílaba tônica. Classificação das palavras quanto ao número de sílabas Quanto ao número de sílabas, as palavras podem ser: Monossílabas constituídas por uma só sílaba: giz, pó, mão, não. Dissílabas constituídas por duas sílabas: mesa, lápis, dedo, casa. Trissílabas constituídas por três sílabas: aluno, colega, professor, caderno. Polissílabas constituídas por quatro ou mais sílabas: apostila, professores, aprendizagem. Classificação das palavras quanto à posição de sílaba tônica Quanto à posição da sílaba tônica, as palavras podem ser: Monossílabas átonas geralmente se associam a outra palavras, quando pronunciadas. Elas não têm sentidos independentes: de (prep.), a (prep.), me (pron.). Monossílabas tônicas possuem acentuação e sentidos próprios: PÓ, PÉ, DAR, MAU. Oxítonas possuem a última sílaba tônica: café, jiló, professor, anzol. gu guerra Agora, os vocálicos: am, an tampa canto im, in limpo lindo em, en tempo vento om, on comprar tonto Paroxítonas possuem a penúltima sílaba tônica: caderno, apostila, aprendizagem. Proparoxítonas possuem a antepenúltima sílaba tônica: gramática, matemática, FÍsica. Separação Silábica um, um rumba, mundo Não custa nada lembrar que, nos dígrafos, as duas letras representam um só fonema; nos encontros consonantais, cada letra representa um fonema. Na separação silábica devem ser observadas as seguintes regras: Não se separam os ditongos e tritongos: noi-te U ru guai gló ria 2

3 Fonética Não se separam os dígrafos ch, nh, lh, gu, qu: CHa ve fo LHa li NHá fo GUe te QUi lo Não se separam os encontros consonantais que iniciam sílaba: PNeu má ti co PSi co lo gi a a FLi to Separam-se as vogais que compões um hiato: ca Ir va zi O sa Ú de sa Í da Separam-se as letras dos dígrafos rr, ss, sc, sc, xc: car Ro pas So nas Cer des Ço ex Ce len te Separam-se as consoantes seguidas que pertençam a sílabas diferentes: sub Me ter dig No ad Je ti vo ad Vér bio Leia o texto abaixo e responda às questões de 01 a 06. Casas entre bananeiras Mulheres entre laranjeiras Pomar amor cantar. Um homem vai devagar. Um cachorro vai devagar. Um burro vai devagar. Devagar... as janelas olham. Eta vida besta, meu Deus. Cidadezinha qualquer ANDRADE, Carlos Drummond de. Poesia e prosa. Rio de Janeiro, Nova Aguilar, Considere a palavra casas. 01. Quantos fonemas e quantas letras ela apresenta? 02. Qual o único fonema que aparece duas vezes? 03. Identifique o terceiro fonema dessa palavra e indique quais das seguintes palavras apresentam esse mesmo fonema: exílio, sábio, isento, azeite, crescer, enxuto, exótico, taxativo, hesitar. 04. Indique o número de letras e o número de fonemas das seguintes palavras: a) pomar b) laranjeiras c) Deus d) cachorro Observe a palavra destacada no verso e indique: Um homem vai devagar. 05. O número de letras e de fonemas. 06. A última letra e o último fonema. 07. (IMS SP) Leia: Diamante. Vidraça Arisca, áspera asa risca O ar. E brilha. E passa. Cigarra Guilherme de Almeida Entendendo dígrafo ou diagrama como um grupo de duas letras que representam um único som ou articulação, podemos afirmar que, no haicai de Guilherme de Almeida, encontramos: a) dr e sc são dígrafos. b) sp e lh são dígrafos. c) rr e an são dígrafos. d) ss e sc são dígrafos. e) rr e sc são dígrafos. 08. (ITA AM) As palavras: folheada, lânguida, antigos e vento, apresentam, respectivamente, o seguinte número de fonemas e letras: a) 4-5; 6-7; 6-8; 7-8. b) 6-8; 7-8; 4-5; 6-7. c) 6-7; 6-8; 7-8; 4-5. d) 7-8; 6-8; 6-7; 4-5. e) 7-8; 6-7; 6-8; Assinale a alternativa em que ambas as palavras apresentam o mesmo número de fonemas. a) impressora correspondem b) caracteres consideração c) delinqüente adequada d) conhecimento consideração e) alcance preenche 10. (UFRGS RS ) A o pronunciar palavras como adeptos, os falantes de língua portuguesa tendem a acrescentar-lhes uma vogal não representada na língua escrita. Observe as séries de palavras: I perseguem homossexuais II rachar igualdade III facção significa 3

4 Fonética Em quais delas ambas as palavras sofrem o mesmo processo? a) apenas I b) apenas II c) apenas III d) apenas I e III e) apenas II e III 11. Indique a alternativa em que as três palavras apresentam dígrafo: a) quilo quase quitar. b) guitarra aguado régua. c) exceção excelente aquático. d) assassino enchente piscina. e) crescer amanhã aquoso. Leia atentamente o texto abaixo e responda às questões que seguem. Espaço Depois de sobreviver ao pouso, sonda da Nasa deverá mergulhar em poço de Marte Spirit enviou sinais de que está em perfeito estado e já mandou primeiras fotos em 3D. Agora, a sonda irá tentar responder ao maior mistério marciano se há ou não água ali. Viagem à cratera é o próximo passo. 02. Nas palavras anjinho, carrocinhas, nossa e recolhendo, podemos destacar a seguinte quantidade de fonemas: a) três, quatro, dois, quatro. b) cinco, nove, quatro, oito. c) seis, dez, cinco, nove d) três, seis, dois, cinco. e) sete, onze, cinco, dez 03. Assinale a alternativa em que todas as palavras têm uma sílaba com som de /zê/: a) peso - quinze - exame - luxo - zelo. b) esposo - confuso - êxito - passeio c) treze - missa - mesa - casebre d) exato - exílio - pose - cozer - frase e) curioso - exercício - massa casa 04. Indique em qual das alternativas a palavra não possui semivogal: a) meu. b) pai c) cães. d) rainha e) dois Leia a tira abaixo: Vejaonline. Com.br/noticia 06 de Janeiro de Somente uma das palavras em destaque não obedece a mesma regra de separação silábica. 12. Transcreva-a e separe suas sílabas. 13. Cite a regra que justifica a separação das sílabas da palavra da resposta à questão anterior. 14. (CESGRANRIO RJ) Assinale a alternativa em que a separação silábica de um dos vocábulos não obedece às normas do sistema ortográfico. a) pa tro cì nio; as so ci a dos; b) a pré en são; i ni ci al men te; c) chei a; im pac to; d) sub es ti ma das; ins tru í das; e) com clu iu; to le rá veis. 01. Marque a opção em que todas as palavras apresentam um dígrafo: a fixo, auxílio, tóxico, exame. b enxergar, luxo, bucho, olho. c bicho, passo, carro, banho. d choque, sintaxe, unha, coxa. e Deus, luar, daí, ódio. (Ciça. O Pato. 2ª ed. Rio de Janeiro: Codecri,1978. p. 13.) 05. No primeiro quadrinho, há duas palavras que possuem sons aproximados. Baseando-se nelas, conceitue fonema. 06. Transcreva do tira uma palavra, cujo sentido denote som e classifique esse recurso expressivo. 07. O que quis sugerir a separação silábica da palavra no último quadrinho? Explique. 4

5 Fonética Leia a tira abaixo para responder às questões de 08 e 09. (In: Augusto de Campos, Décio Pignatari, Haroldo de Campos. Teoria dapoesia concreta. São Paulo: Livraria Duas Cidades, p. 92.) Considerando as noções de texto, as de fonologia e a seguinte assertiva: o poema não foi elaborado apenas para ser lido, mas também para ser visto, responda: O que sugere a distribuição visual das letras na construção do mesmo? Explique. 14. Leia atentamente a tirinha abaixo e responda ao que se pede: (Ciça. O Ed. Rio de Janeiro:Codecri, p. 27.) 08. No segundo quadrinho, o que o Tico-Tico questiona em relação à fala do Pato? A elaboração da tira é baseada em que noções de fonologia? 09. O que provoca o humor do texto? Explique. Leia este poema para responder às questões de 10 a 12. PEGA LADRÃO! Alguém atirou um pedaço do meu P~O. (Kátia Bento. In Poesia jovem anos 70. S. Paulo: Abril Educação, p.91) 10. De acordo com o contexto que fonema completaria adequadamente a última palavra do texto? 11. O que indica o sinal deixado entre as letras p e o no último verso do poema? (Laerte. Gato e gata + um mico-leão) O que sugere a separação silábica no último quadrinho do texto? Explique. 15. (UNIFESP) A questão baseia-se no poema concreto. 12. O que denota a ausência do fonema na palavra que compõe o último verso? 13. Veja e leia atentamente o poema concreto abaixo. (Epithalamium II, de Pedro Xisto ( ), In: Logogramas, historical/xisto.) 5

6 Fonética Pressupostos teóricos da Poesia Concreta propõem a realização de um poema-objeto, isto é, uma obra que informa por meio de sua própria estrutura (estrutura-conteúdo); valoriza, entre outros elementos, o espaço em branco da página, como produtor de sentidos, e a utilização de formas visuais. Em várias edições de Epithalamium II (epitalâmio canto ou poema nupcial), aparecem as seguintes indicações: he ele; & e; S serpens; h homo; e Eva. Observe o poema, e, mediante as indicações do autor, aponte, dentre as alternativas, aquela que mais se aproxima da mensagem da obra. a) As três letras, dispostas de modo a produzir uma imagem visual, denotam que o homem e a mulher, representados pelos pronomes pessoais, em inglês, foram coisificados e, após, separados um do outro, pelo pecado original (Adão e Eva). b) A letra S, que desenha e escreve She, ao mesmo tempo que compõe as formas sinuosas de uma serpente (pecado), parece que enlaça o he. Poderia evocar, por um lado, que os gêneros humanos se completam, um no outro, e, por outro, a supremacia da feminilidade sobre a masculinidade, já que he (ele) é configurado no interior de She (ela). c) O &, que se desenha no poema, revela, por um lado, a desintegração mulher/homem representados em inglês) e, por outro, a situação dos seres humanos no mundo capitalista. Isto se justifica pelo fato de & lembrar a forma com que se designa a razão social das empresas. d) O significado do poema se esgota na simples contemplação do mesmo, como se fosse o logotipo de uma empresa. O She e o he comparecem como artifícios provocativos que disfarçam os significados de si próprios. Neste sentido, masculinidade e feminilidade se anulam. e) Não há hierarquia entre She (ela) e he (ele), uma vez que esses pronomes pessoais estão desenhados em forma vertical no espaço branco da pagina, e não horizontalmente, como seria comum na poesia tradicional. 09. O humor do texto é constituído pela falha de interpretação da fala de Tico-Tico pelo Pato: o mesmo pensou que largato e lagarto fossem animais diferentes. 10. O fonema / ã /. 11. O sinal denota a nasalização do fonema vocálico. 12. Denota a idéia de que o pão está incompleto, isto é, alguém pegou sem autorização um pedaço dele. 13. O recurso visual empregado na construção do texto sugere a idéia de movimento rápido, em velocidade. 14. Sugere que o Gato está lendo os sinais de fumaça. A separação das sílabas das palavras sugere a idéia de que ele está acompanhando o movimento lento e ritmado da fumaça. 15. b 16. Seria mai-or. Porque, em mai, temos um ditongo, no qual não pode haver separação entre a vogal e a semivogal. 16. A linguagem dos jornais escritos é considerada um modelo do padrão culto da língua. Apesar disso, um jornal paranaense, em anúncio que promovia o próprio jornal, cometeu um desvio de divisão silábica. Veja: 6 É O MA IOR Como seria, de acordo com o padrão culto da língua, a divisão silábica da palavra maior? Por quê? Gabarito: 01. c 02. b 03. a 04. d 05. Vide conceito de fonema na teoria da aula. 06. LEPT! onomatopéia. 07. Pronúncia enfática para denotar satisfação. 08. A pronúncia correta da palavra lagarto. A elaboração da tira baseia-se nas noções de ortoépia.

Fonética e Fonologia. Profa. Me. Luana Lemos. llemos@salesiano.org.br

Fonética e Fonologia. Profa. Me. Luana Lemos. llemos@salesiano.org.br Fonética e Fonologia Profa. Me. Luana Lemos 1 Fonética e Fonologia Fonética é a parte da gramática que estuda os sons da fala (física) Fonologia estuda os fonemas da língua nas diversas combinações (linguística)

Leia mais

TÍTULO: Plano de Aula SÍLABAS. Ensino Fundamental I / Anos Iniciais 3 ano. Língua Portuguesa. Gramática. 2 aulas (50 min cada ) Educação Presencial

TÍTULO: Plano de Aula SÍLABAS. Ensino Fundamental I / Anos Iniciais 3 ano. Língua Portuguesa. Gramática. 2 aulas (50 min cada ) Educação Presencial Org.: Claudio André - 1 TÍTULO: SÍLABAS Nível de Ensino: Ano/Semestre de Estudo Componente Curricular: Tema: Duração da Aula: Ensino Fundamental I / Anos Iniciais 3 ano Língua Portuguesa Gramática 2 aulas

Leia mais

Conteúdos: Fonemas e letras Encontros vocálicos Encontro consonantal Dígrafo

Conteúdos: Fonemas e letras Encontros vocálicos Encontro consonantal Dígrafo Conteúdos: Fonemas e letras Encontros vocálicos Encontro consonantal Dígrafo Habilidades: Reconhecer fonemas e letras Identificar encontros consonantais nas palavras Saber diferenciar dígrafo e encontro

Leia mais

RELAÇÃO ENTRE SONS E LETRAS, PRONÚNCIA E GRAFIA

RELAÇÃO ENTRE SONS E LETRAS, PRONÚNCIA E GRAFIA 1. FONEMA: RELAÇÃO ENTRE SONS E LETRAS, PRONÚNCIA E GRAFIA qualquer unidade sonora capaz de estabelecer distinção entre palavras de uma língua. 2. LETRA: representação gráfica do fonema. 3. FONEMAS E LETRAS

Leia mais

Disciplina:Português Professor (a): Cristiane Souto Ano: 6º Turmas: 6.1 e 6.2

Disciplina:Português Professor (a): Cristiane Souto Ano: 6º Turmas: 6.1 e 6.2 Rede de Educação Missionárias Servas do Espírito Santo Colégio Nossa Senhora da Piedade Av. Amaro Cavalcanti, 2591 Encantado Rio de Janeiro / RJ CEP: 20735042 Tel: 2594-5043 Fax: 2269-3409 E-mail: cnsp@terra.com.br

Leia mais

Disciplina:Português Professor (a): Cristiane Souto Ano: 6º Turmas: 6.1 e 6.2

Disciplina:Português Professor (a): Cristiane Souto Ano: 6º Turmas: 6.1 e 6.2 Rede de Educação Missionárias Servas do Espírito Santo Colégio Nossa Senhora da Piedade Av. Amaro Cavalcanti, 2591 Encantado Rio de Janeiro / RJ CEP: 20735042 Tel: 2594-5043 Fax: 2269-3409 E-mail: cnsp@terra.com.br

Leia mais

Habilidades: - Reconhecer as sílabas tônicas das palavras, separar sílabas, classificar as palavras em oxítonas, paroxítonas e proparoxítonas.

Habilidades: - Reconhecer as sílabas tônicas das palavras, separar sílabas, classificar as palavras em oxítonas, paroxítonas e proparoxítonas. Conteúdos: - Os sinais de pontuação e a sua importância na compreensão textual. - Classificação das palavras quanto ao número de sílabas. - Classificação das palavras quanto à posição da sílaba tônica.

Leia mais

TEXTO. Visual texto em que a comunicação se dá apenas por meio de imagens. Verbal - texto em que a comunicação se dá por meio de palavras escritas.

TEXTO. Visual texto em que a comunicação se dá apenas por meio de imagens. Verbal - texto em que a comunicação se dá por meio de palavras escritas. Língua Portuguesa 1º trimestre Temas para estudo Em nossas primeiras aulas, vimos que, conforme sua configuração/diagramação, um TEXTO pode ser classificado como: Visual texto em que a comunicação se dá

Leia mais

Questionário sobre o Ensino de Leitura

Questionário sobre o Ensino de Leitura ANEXO 1 Questionário sobre o Ensino de Leitura 1. Sexo Masculino Feminino 2. Idade 3. Profissão 4. Ao trabalhar a leitura é melhor primeiro ensinar os fonemas (vogais, consoantes e ditongos), depois as

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA MÓDULO 1. Fonética e Fonologia. Professora Rosane Reis

LÍNGUA PORTUGUESA MÓDULO 1. Fonética e Fonologia. Professora Rosane Reis LÍNGUA PORTUGUESA Professora Rosane Reis MÓDULO 1 Fonética e Fonologia Por que devemos aprender fonética? Porque precisamos conhecer mais profundamente como as palavras faladas são representadas pela escrita,

Leia mais

200 DICAS E MACETES DE PORTUGUÊS. Professor Leo

200 DICAS E MACETES DE PORTUGUÊS. Professor Leo 200 DICAS E MACETES DE PORTUGUÊS Professor Leo www.materiaisdeportugues.com.br Página 2 Este livro vai ajudá-lo a entender melhor vários tópicos da gramática, já que aborda muitas perguntas e dúvidas feitas

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO 1º PERÍODO/2015 5º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO 1º PERÍODO/2015 5º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO 1º PERÍODO/2015 5º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL LÍNGUA PORTUGUESA (Unidade 1) Gêneros Poema Crônica Descrição História em quadrinhos Conto de fadas Conto maravilhoso Fábula Leitura

Leia mais

PROGRAMAÇÃO CURRICULAR DE LÍNGUA PORTUGUESA UNIDADE

PROGRAMAÇÃO CURRICULAR DE LÍNGUA PORTUGUESA UNIDADE PROGRAMAÇÃO CURRICULAR DE LÍNGUA PORTUGUESA 1. ano - 1. volume UNIDADE 1 Símbolos Letras do alfabeto UNIDADE 2 Alfabeto (vogais e consoantes) Crachá Letras do próprio nome, do nome do professor e dos colegas

Leia mais

DISCIPLINA: CIÊNCIAS DATA DA REALIZAÇÃO: 23/11/2015. Montando um folheto educativo

DISCIPLINA: CIÊNCIAS DATA DA REALIZAÇÃO: 23/11/2015. Montando um folheto educativo FICHA DA SEMANA 1. Cada atividade terá uma data de realização e deverá ser entregue a professora no dia seguinte; 2. As atividades deverão ser copiadas e respondidas no caderno, de acordo com a disciplina

Leia mais

REVISÃO E AVALIAÇÃO DE LINGUAGENS

REVISÃO E AVALIAÇÃO DE LINGUAGENS LINGUAGENS REVISÃO 1 REVISÃO 2 AULA: 67 REVISÃO E AVALIAÇÃO DE LINGUAGENS 2 Número de Sílabas e Classificações Experimente pronunciar as palavras de um modo bem devagar: maçã bola sol mão lâmpada bolacha

Leia mais

Disciplina: Português Período: 1º. Equipe - 3 ano - turmas: 31, 32 e 33.

Disciplina: Português Período: 1º. Equipe - 3 ano - turmas: 31, 32 e 33. Disciplina: Português Período: 1º Unidade 1 Eu me comunico Linguagem : formal e informal Variação regional de vocabulário Usando diferentes linguagens Ortografia: L e U,A/AI; E/I; O/OU; Usando diferentes

Leia mais

Animais em extinção - Formação de palavras (jogo de sílabas) - Letra O - Letra P - Formação de palavras (jogo de sílabas e jogo de letras)

Animais em extinção - Formação de palavras (jogo de sílabas) - Letra O - Letra P - Formação de palavras (jogo de sílabas e jogo de letras) ABEU COLÉGIOS Disciplina: Língua Portuguesa Série: 1 ano / Fundamental I 1 Caderno 1 Seleção de módulos do Sistema de Ensino Ser 2014 Símbolos e Mensagens - Diferenciação de letra, palavra e número - Placas

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO 4º PERÍODO/2015 5º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO 4º PERÍODO/2015 5º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO 4º PERÍODO/2015 5º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL LÍNGUA PORTUGUESA (Unidades 1, 2, 3 e 4) Gêneros Poema Crônica História em quadrinhos Conto de fadas Conto maravilhoso História de

Leia mais

ACENTO GRÁFICO E ACENTO TÔNICO

ACENTO GRÁFICO E ACENTO TÔNICO ACENTO GRÁFICO E ACENTO TÔNICO O acento gráfico é um mero sinal de escrita, que não deve ser confundido com o acento tônico, que é a maior intensidade de voz apresentada por uma sílaba quando pronunciamos

Leia mais

FONÉTICA. qualquer unidade sonora capaz de estabelecer distinção entre palavras de uma língua.

FONÉTICA. qualquer unidade sonora capaz de estabelecer distinção entre palavras de uma língua. FONÉTICA 1. FONEMA: qualquer unidade sonora capaz de estabelecer distinção entre palavras de uma língua. 2. LETRA: representação gráfica do fonema. 3. FONEMAS E LETRAS COMPARAÇÕES 3.1. Uma palavra pode

Leia mais

Conteúdos: Sílabas Classificação das palavras quanto ao número de sílabas Classificação das palavras quanto à posição da sílaba tônica

Conteúdos: Sílabas Classificação das palavras quanto ao número de sílabas Classificação das palavras quanto à posição da sílaba tônica Conteúdos: Sílabas Classificação das palavras quanto ao número de sílabas Classificação das palavras quanto à posição da sílaba tônica Habilidades: - Perceber a ligação entre tonicidade e número de sílabas

Leia mais

Dicionário De Termos Gramaticais

Dicionário De Termos Gramaticais Dicionário De Termos Gramaticais Professor Leo Página 2 Este dicionário vai ajudar o candidato a entender melhor todos os assuntos gramaticais do português, além de auxiliá-lo na hora de estudar. Muitas

Leia mais

b) Descreva esse deslizamento quadro a quadro, mostrando a relação das imagens como que é dito.

b) Descreva esse deslizamento quadro a quadro, mostrando a relação das imagens como que é dito. LÍNGUA PORTUGUESA NOTA PAULO CAMILO - THALES ALUNO(A): 04 03 2011 MARQUE COM LETRA DE FORMA A SUA TURMA 2º ANO INSTRUÇÕES: Usar somente caneta esferográfica (azul ou preta) Não usar calculadora Não fazer

Leia mais

AGRUPAMENTO de ESCOLAS Nº1 de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2013/2014 PLANIFICAÇÃO ANUAL

AGRUPAMENTO de ESCOLAS Nº1 de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2013/2014 PLANIFICAÇÃO ANUAL AGRUPAMENTO de ESCOLAS Nº1 de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2013/2014 PLANIFICAÇÃO ANUAL Documento(s) Orientador(es): Programa de Português do Ensino Básico; Metas Curriculares de Português- 1º Ciclo 1º

Leia mais

PROPOSTA DE INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA Rotina de Sala de Aula TEMA GERADOR: Bicharada

PROPOSTA DE INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA Rotina de Sala de Aula TEMA GERADOR: Bicharada PREFEITURA MUNICIPAL DE ARARIPE SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E CULTURA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA DO PROGRAMA LUZ DO SABER INFANTIL PROPOSTA DE INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA Rotina de Sala de Aula TEMA GERADOR:

Leia mais

DISCIPLINA DE LÍNGUA PORTUGUESA

DISCIPLINA DE LÍNGUA PORTUGUESA DISCIPLINA DE LÍNGUA PORTUGUESA OBJETIVOS: 1 ano Levar o estudante a realizar a escrita do próprio nome e outros nomes. Promover a escrita das letras do alfabeto. Utilizar a linguagem oral para conversar,

Leia mais

Sandra Duarte Tavares Sara de Almeida Leite. Gramática Descomplicada para Pais e Filhos, Alunos e Professores e muitos mais

Sandra Duarte Tavares Sara de Almeida Leite. Gramática Descomplicada para Pais e Filhos, Alunos e Professores e muitos mais Sandra Duarte Tavares Sara de Almeida Leite Gramática Descomplicada para Pais e Filhos, Alunos e Professores e muitos mais Índice Apresentação... 9 Letras e sons Alfabeto........................................................

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA PROFESSOR ANTONIO DUARTE

LÍNGUA PORTUGUESA PROFESSOR ANTONIO DUARTE LÍNGUA PORTUGUESA PROFESSOR ANTONIO DUARTE E-mail: professorantonioduarte@gmail.com Facebook: Antonio Duarte Quem teme perder já está vencido. jigoro kano FONOLOGIA Letra é uma representação gráfica do

Leia mais

DICAS PARA APRENDER A ACENTUAR AS PALAVRAS.

DICAS PARA APRENDER A ACENTUAR AS PALAVRAS. DICAS PARA APRENDER A ACENTUAR AS PALAVRAS. Para acentuarmos bens as palavras faz-se necessário revisar alguns pontos gramaticais que nos ajudarão a compreender as regras da acentuação gráfica da Língua

Leia mais

PLANEJAMENTO ANUAL / TRIMESTRAL 2013 Conteúdos Habilidades Avaliação

PLANEJAMENTO ANUAL / TRIMESTRAL 2013 Conteúdos Habilidades Avaliação Produção textual COLÉGIO LA SALLE BRASÍLIA Disciplina: Língua Portuguesa Trimestre: 1º Tipologia textual Narração Estruturação de um texto narrativo: margens e parágrafos; Estruturação de parágrafos: início,

Leia mais

16/08/2012. Português Instrumental ACENTUAÇÃO AULA 01. Países lusófonos que aderiram ao Novo Acordo Ortográfico

16/08/2012. Português Instrumental ACENTUAÇÃO AULA 01. Países lusófonos que aderiram ao Novo Acordo Ortográfico Português Instrumental ACENTUAÇÃO AULA 01 Países lusófonos que aderiram ao Novo Acordo Ortográfico 1 AS MUDANÇAS PROMOVIDAS PELO NOVO ACORDO ALFABETO O nosso alfabeto passa a ter 26 letras. Conta agora

Leia mais

Jimboê. Geografia. Avaliação. Projeto. 3 o ano. 1 o bimestre

Jimboê. Geografia. Avaliação. Projeto. 3 o ano. 1 o bimestre Professor, esta sugestão de avaliação corresponde ao primeiro bimestre escolar ou à Unidade 1 do Livro do Aluno. Projeto Jimboê Geografia 3 o ano Avaliação 1 o bimestre 1 Avaliação Geografia NOME: ESCOLA:

Leia mais

Aula 6 Tema: Tecnologia: corpo, movimento e linguagem na era da informação. LÍNGUA PORTUGUESA FORTALECENDO SABERES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA

Aula 6 Tema: Tecnologia: corpo, movimento e linguagem na era da informação. LÍNGUA PORTUGUESA FORTALECENDO SABERES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA 2 CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA Aula 6 Tema: Tecnologia: corpo, movimento e linguagem na era da informação. 3 CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA Aula

Leia mais

Avaliação 1 o Bimestre

Avaliação 1 o Bimestre Avaliação 1 o Bimestre NOME: N º : CLASSE: Na segunda unidade, lemos uma notícia que falava sobre a invasão das onças-pardas como consequência do desmatamento sem controle e, em seguida, uma reportagem

Leia mais

PORTUGUÊS FUNDAMENTAL

PORTUGUÊS FUNDAMENTAL PORTUGUÊS FUNDAMENTAL Responda a questão 01 com base no texto abaixo: O bicho Vi ontem um bicho Na imundície do pátio, Catando comida entre os detritos. Quando achava alguma coisa, Não examinava nem cheirava:

Leia mais

Fonologia. A Fonética estuda os sistemas sonoros das línguas.

Fonologia. A Fonética estuda os sistemas sonoros das línguas. Fonologia A Fonética estuda os sistemas sonoros das línguas. Número de fonemas e número de letras Letra: É o sinal gráfico da escrita. Exemplos: pipoca tem 6 letras hoje tem 4 letras Fonema: É o som da

Leia mais

fonologia fonema som estudo unidade prof.serjãogomes prof.sergiogomes@gmail.com

fonologia fonema som estudo unidade prof.serjãogomes prof.sergiogomes@gmail.com fonologia som estudo fonema unidade prof.sergiogomes@gmail.com fonema = unidade de som distintiva escrita exame texto axila pronúncia e[z]ame te[s]to a[ks]ila fonemas são as unidades de som que constituem

Leia mais

33 FONOLOGIA FONÉTICA CAPÍTULO 1

33 FONOLOGIA FONÉTICA CAPÍTULO 1 33 FONOLOGIA CAPÍTULO 1 FONOLOGIA SUMÁRIO A língua portuguesa 1. Introdução 1.1. Elementos da comunicação 1.1.1. Emissor 1.1.2. Receptor 1.1.3. Mensagem 1.1.4. Referente 1.1.5. Código 1.1.6. Canal de comunicação

Leia mais

Diversidade. Linguística. na Escola Portuguesa. Projecto Diversidade Linguística na Escola Portuguesa (ILTEC)

Diversidade. Linguística. na Escola Portuguesa. Projecto Diversidade Linguística na Escola Portuguesa (ILTEC) Diversidade Linguística na Escola Portuguesa Projecto Diversidade Linguística na Escola Portuguesa (ILTEC) www.iltec.pt www.dgidc.min-edu.pt www.gulbenkian.pt Breve caracterização fonética de sons que

Leia mais

Conteúdos - AP1/2015-2º ano

Conteúdos - AP1/2015-2º ano Língua Portuguesa: Conteúdos - AP1/2015 Conteúdos - AP1/2015-2º ano Gramática Unidade 1: O alfabeto Unidade 2: Ordem alfabética Unidade 3: Sílaba Unidade 4: Vogais Encontro vocálicos Unidade 5: Consoantes

Leia mais

Cont_13V4_2015.docx pág. 1 de 6

Cont_13V4_2015.docx pág. 1 de 6 CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO 4º PERÍODO/2015 3º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL LÍNGUA PORTUGUESA (Unidades 1, 2, 3 e 4) Gêneros História em versos História em prosa História em quadrinhos Letra de canção Conto

Leia mais

Aula 05. Locução Adjetiva = expressão que tem a mesma função: qualificar o substantivo.

Aula 05. Locução Adjetiva = expressão que tem a mesma função: qualificar o substantivo. RESUMÃO 2º SIMULADO DE PORTUGUÊS Aula 05 Adjetivo e suas flexões Adjetivo = palavra que qualifica o substantivo. Locução Adjetiva = expressão que tem a mesma função: qualificar o substantivo. Os adjetivos

Leia mais

Avaliação 1 o Bimestre

Avaliação 1 o Bimestre Avaliação 1 o Bimestre NOME: N º : CLASSE: Na primeira unidade você leu uma letra de música do grupo Skank sobre a grande emoção que o futebol desperta na maioria dos brasileiros. Na segunda, você leu

Leia mais

b) tônicos: possuem acentuação própria, isto é, são pronunciados com muita intensidade: lá, pá, mim, pôs, tu, lã.

b) tônicos: possuem acentuação própria, isto é, são pronunciados com muita intensidade: lá, pá, mim, pôs, tu, lã. Acentuação gráfica O português, assim como outras línguas neolatinas, apresenta acento gráfico. Toda palavra da língua portuguesa de duas ou mais sílabas possui uma sílaba tônica. Observe as sílabas tônicas

Leia mais

ORTOGRAFIA E ORALIDADE

ORTOGRAFIA E ORALIDADE ORTOGRAFIA E ORALIDADE RELAÇÕES ENTRE GRAFIA E ORALIDADE NO PORTUGUÊS Lisboa, fevereiro de 2011 grafia vs. ortografia Nem todas as línguas têm sistemas de representação escrita Nem todas as representações

Leia mais

A APROPRIAÇÃO DO SISTEMA DE ESCRITA ALFABÉTICA E A CONSOLIDAÇÃO DO PROCESSO DE ALFABETIZAÇÃO. Ano 02 Unidade 03

A APROPRIAÇÃO DO SISTEMA DE ESCRITA ALFABÉTICA E A CONSOLIDAÇÃO DO PROCESSO DE ALFABETIZAÇÃO. Ano 02 Unidade 03 CONCURSO DA EDUCAÇÃO PREFEITURA MUNICIPAL DE BELO HORIZONTE CARGO: PROFESSOR 1 / 2015 A APROPRIAÇÃO DO SISTEMA DE ESCRITA ALFABÉTICA E A CONSOLIDAÇÃO DO PROCESSO DE ALFABETIZAÇÃO Ano 02 Unidade 03 ( F

Leia mais

1) Informe o número de letras e fonemas das palavras abaixo. d) Ansiedade 9L/8F e) Cansado - 7L/6F f) Amarrotado 10L/9F

1) Informe o número de letras e fonemas das palavras abaixo. d) Ansiedade 9L/8F e) Cansado - 7L/6F f) Amarrotado 10L/9F Orientações: Só serão aceitas as atividades feitas por completo e de acordo com o que foi pedido nos enunciados. Todos os exercícios deverão ser resolvidos no caderno. A perda desta lista implicará em

Leia mais

ATIVIDADES PARA RECUPERAÇÃO PARALELA PORTUGUÊS PROFESSOR (A): Renan Andrade TURMA: 6º ANO Vespertino

ATIVIDADES PARA RECUPERAÇÃO PARALELA PORTUGUÊS PROFESSOR (A): Renan Andrade TURMA: 6º ANO Vespertino ATIVIDADES PARA RECUPERAÇÃO PARALELA PORTUGUÊS PROFESSOR (A): Renan Andrade TURMA: 6º ANO Vespertino REVISÃO 1) Coloque em ordem alfabética as seguintes palavras abaixo. Dinamarquês sono caprichosas autor

Leia mais

n o m urd ne Hel e n o mis

n o m urd ne Hel e n o mis Em nosso cotidiano existem infinitas tarefas que uma criança autista não é capaz de realizar sozinha, mas irá torna-se capaz de realizar qualquer atividade, se alguém lhe der instruções, fizer uma demonstração

Leia mais

Conta-me Histórias. Lê atentamente o texto que se segue.

Conta-me Histórias. Lê atentamente o texto que se segue. Prova de Língua Portuguesa 5.º Ano de escolaridade Ano letivo 2013 / 2014-1.ª Chamada Ano lectivo 2012 / 2013 Lê atentamente o texto que se segue. Conta-me Histórias Quando eu era pequena, os campos estavam

Leia mais

Conteúdos: Fonética e Fonologia

Conteúdos: Fonética e Fonologia Aluno(a) Nº. Série: Turma: Ensino Médio Trimestre [ ] Data: / / Disciplina: Professor: Conteúdos: Fonética e Fonologia Apesar de a NGB (Nomenclatura Gramatical Brasileira) restringir o estudo dos sons

Leia mais

COLÉGIO SHALOM Ensino Fundamental 9º Ano Profº: Clécio Oliveira Língua 65 Portuguesa Aluno (a):. No.

COLÉGIO SHALOM Ensino Fundamental 9º Ano Profº: Clécio Oliveira Língua 65 Portuguesa Aluno (a):. No. COLÉGIO SHALOM Ensino Fundamental 9º Ano Profº: Clécio Oliveira Língua 65 Portuguesa Aluno (a):. No. Trabalho Avaliativo Valor: 30 % Nota: Minhas Férias Eu, minha mãe, meu pai, minha irmã (Su) e meu cachorro

Leia mais

PArte I. O ALfAbetO POrtuguês. Ouça o alfabeto português. Letra: Letra: érre ésse. jóta. dablio cápa ipsilon

PArte I. O ALfAbetO POrtuguês. Ouça o alfabeto português. Letra: Letra: érre ésse. jóta. dablio cápa ipsilon PArte I guia de fonética O ALfAbetO POrtuguês Ouça o alfabeto português. Letra: Letra: a á n éne b bê o ó c cê p pê d dê q quê e é r érre f éfe s ésse g guê t tê h agá u ú i i v vê j jóta w dablio k cápa

Leia mais

O trabalho com as cantigas e parlendas

O trabalho com as cantigas e parlendas O trabalho com as cantigas e parlendas nós na sala de aula - módulo: língua portuguesa 1º ao 3º ano - unidade 4 Cantigas e parlendas ajudam a introduzir a criança no mundo da leitura. Isso porque são textos

Leia mais

Em toda palavra de duas ou mais sílabas, sempre há uma sílaba, pronunciada com maior intensidade: sílaba tônica. As outras são as sílabas átonas.

Em toda palavra de duas ou mais sílabas, sempre há uma sílaba, pronunciada com maior intensidade: sílaba tônica. As outras são as sílabas átonas. Acentuação Em toda palavra de duas ou mais sílabas, sempre há uma sílaba, pronunciada com maior intensidade: sílaba tônica. As outras são as sílabas átonas. sílaba tônica - pronunciada com maior intensidade.

Leia mais

2. Qual das alternativas abaixo possui palavras com mais letras do que fonemas? a) Caderno b) Chapéu c) Flores d) Livro e) Disco

2. Qual das alternativas abaixo possui palavras com mais letras do que fonemas? a) Caderno b) Chapéu c) Flores d) Livro e) Disco 1. Assinale a alternativa errada a respeito da palavra "churrasqueira". a) apresenta 13 letras e 10 fonemas b) apresenta 3 dígrafos: ch, rr, qu c) divisão silábica: chur-ras-quei-ra d) é paroxítona e polissílaba

Leia mais

PROVA DE NÍVEL - 2 ANO DATA DISCIPLINA CONTEÚDO DA PROVA

PROVA DE NÍVEL - 2 ANO DATA DISCIPLINA CONTEÚDO DA PROVA PROVA DE NÍVEL - 2 ANO Coletando informações sobre a Turma; Onde usamos os números. Produção e interpretação de texto; Escrita 27/02 LINGUA PORTUGUESA cursiva/bastão; Família silábica B e D; Rimas, Símbolos

Leia mais

Português Brasileiro Cantado Questões técnicas e estéticas relacionadas às normas de pronúncia propostas para o canto erudito no Brasil

Português Brasileiro Cantado Questões técnicas e estéticas relacionadas às normas de pronúncia propostas para o canto erudito no Brasil Português Brasileiro Cantado Questões técnicas e estéticas relacionadas às normas de pronúncia propostas para o canto erudito no Brasil Wladimir Mattos EVPM, FUNDUNESP, Universidade Estadual Paulista Resumo

Leia mais

Gramática da Língua Portuguesa Pasquale Cipro Neto & Ulisses Infante

Gramática da Língua Portuguesa Pasquale Cipro Neto & Ulisses Infante Gramática da Língua Portuguesa Pasquale Cipro Neto & Ulisses Infante APRESENTAÇÃO: A Gramática é instrumento fundamental para o domínio do padrão culto da língua. A Gramática, e não as gramatiquices. A

Leia mais

I.ª Parte. Nome: Ano: Lê o texto que se segue com muita atenção.

I.ª Parte. Nome: Ano: Lê o texto que se segue com muita atenção. Nome: Ano: Turma: Classificação: I.ª Parte Lê o texto que se segue com muita atenção. O JARDIM DO TIO RICARDO O meu tio Ricardo tem um jardim. Como gosta muito de flores e de árvores e outras plantas e

Leia mais

QUESTÕES DE LÍNGUA PORTUGUESA

QUESTÕES DE LÍNGUA PORTUGUESA QUESTÕES DE LÍNGUA PORTUGUESA TEXTO I - O Problema Ecológico (para as questões de 1 a 5) Se uma nave extraterrestre invadisse o espaço aéreo da Terra, com certeza seus tripulantes diriam que neste planeta

Leia mais

Exercício de Reforço de Língua Portuguesa 2º ano

Exercício de Reforço de Língua Portuguesa 2º ano Exercício de Reforço de Língua Portuguesa 2º ano 1 - Ao pronunciarmos as palavras bem devagar, percebemos que há uma pausa entre cada som. Assim, a cada um desses pedacinhos chamamos de sílaba. As palavras

Leia mais

COLÉGIO AFAM SÃO MIGUEL Conteúdo Processo Seletivo 2014

COLÉGIO AFAM SÃO MIGUEL Conteúdo Processo Seletivo 2014 ENSINO FUNDAMENTAL I 2º ANO PORTUGUÊS: Famílias silábicas simples e formação de palavras; Auto-ditado; Reconhecer e aplicar vogais e consoantes; Completar palavras com vogais e consoantes; letra cursiva

Leia mais

- 1º ano. História: - Eu, criança; - Todos temos nomes; - O tempo passa (Nem todos os dias são iguais). Páginas: 06 até 18

- 1º ano. História: - Eu, criança; - Todos temos nomes; - O tempo passa (Nem todos os dias são iguais). Páginas: 06 até 18 - 1º ano Língua Portuguesa: - Alfabeto; - Vogais; - Famílias silábicas: BA, BE, BI, BO, BU; // CA, CO, CU; // DA, DE, DI, DO, DU; // FA, FE, FI, FO, FU; // GA, GO, GU; // HA, HE, HI, HO, HU; // JA, JE,

Leia mais

VOGAIS. a [a] Em posição tônica (ga-to ['ga.tʊ]), posição átona pretônica (a-bri-go

VOGAIS. a [a] Em posição tônica (ga-to ['ga.tʊ]), posição átona pretônica (a-bri-go VOGAIS Símbolo ortográfico Símbolo fonético Transcrição e pronúncia: informações essenciais Informações complementares a a [a] Em posição tônica (ga-to ['ga.tʊ]), posição átona pretônica (a-bri-go [a'bɾi.gʊ])

Leia mais

AGRUPAMENTO DE CLARA DE RESENDE COD. 242 937 COD. 152 870

AGRUPAMENTO DE CLARA DE RESENDE COD. 242 937 COD. 152 870 CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÃO (Aprovados em Conselho Pedagógico de 16 outubro de 2012) No caso específico da disciplina de PORTUGUÊS, do 3.º ano de escolaridade, a avaliação incidirá ainda ao nível

Leia mais

GUIA DE CORREÇÃO E INTERPRETAÇÃO DE RESULTADOS

GUIA DE CORREÇÃO E INTERPRETAÇÃO DE RESULTADOS GUIA DE CORREÇÃO E INTERPRETAÇÃO DE RESULTADOS TESTE 2 SEGUNDO SEMESTRE 2010 Presidência da República Federativa do Brasil Ministério da Educação Secretaria Executiva Presidência do Instituto Nacional

Leia mais

/z/ depois [+vozeado] Além disso As crianças generalizam automaticamente com base em traços elas não aprendem primeiro de uma base fonema por fonema

/z/ depois [+vozeado] Além disso As crianças generalizam automaticamente com base em traços elas não aprendem primeiro de uma base fonema por fonema Fonética e Fonologia 24.900: Introdução à Linguagem anotações das aulas: semana de 04 de Março de 2002 Conjunto de Problemas # 4: Para Segunda-feira, 11/03/02 Apostila sobre o principal para a identificação

Leia mais

APRENDER A ESCREVER. Como ajudar as crianças a se alfabetizar no início da vida escola

APRENDER A ESCREVER. Como ajudar as crianças a se alfabetizar no início da vida escola http://luizsoaresdecassia.blogspot.com.br APRENDER A ESCREVER Como ajudar as crianças a se alfabetizar no início da vida escola Todos os anos, milhares de meninos e meninas do ensino fundamental de todo

Leia mais

Unidade I: Tecnologia- corpo, movimento e linguagem na era da informação

Unidade I: Tecnologia- corpo, movimento e linguagem na era da informação 2 CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA Unidade I: Tecnologia- corpo, movimento e linguagem na era da informação 3 CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA Aula 9.1

Leia mais

Quadro de conteúdos. Eu Gosto M@is Integrado 1 o ano. Lição 1 As crianças e os lugares onde vivem

Quadro de conteúdos. Eu Gosto M@is Integrado 1 o ano. Lição 1 As crianças e os lugares onde vivem Quadro de conteúdos Eu Gosto M@is Integrado 1 o ano Língua Portuguesa Matemática História Geografia Ciências Naturais Arte Inglês ABC da passarinhada O alfabeto Quantidade A ideia de quantidade Eu, criança

Leia mais

BOLSA QUINZE 2015 6ª ANO (5ª SÉRIE) DO ENSINO FUNDAMENTAL LÍNGUA PORTUGUESA

BOLSA QUINZE 2015 6ª ANO (5ª SÉRIE) DO ENSINO FUNDAMENTAL LÍNGUA PORTUGUESA BOLSA QUINZE 2015 6ª ANO (5ª SÉRIE) DO ENSINO FUNDAMENTAL LÍNGUA PORTUGUESA Leia atentamente o conto abaixo e depois faça o que se pede: O CABOCLO, O PADRE E O ESTUDANTE (Luís da Câmara Cascudo) Um estudante

Leia mais

CADERNO DE ATIVIDADES DE RECUPERAÇÃO

CADERNO DE ATIVIDADES DE RECUPERAÇÃO COLÉGIO ARNALDO 2015 CADERNO DE ATIVIDADES DE RECUPERAÇÃO LÍNGUA PORTUGUESA Aluno (a): Turma: 2º Ano Professora: Data de entrega: Valor: 20 pontos CONTEÚDO PROGRAMÁTICO Leitura e interpretação de textos

Leia mais

Objetivo. Letras. Análise Linguística? Em que consiste? Estruturas fonológicas da língua portuguesa. Prof a : Dr a. Leda Cecília Szabo

Objetivo. Letras. Análise Linguística? Em que consiste? Estruturas fonológicas da língua portuguesa. Prof a : Dr a. Leda Cecília Szabo Letras Prof a : Dr a. Leda Cecília Szabo Estruturas fonológicas da língua portuguesa Objetivo Entrar em contato com as características da análise fonológica. Conhecer os fonemas consonantais e vocálicos

Leia mais

PROVA BIMESTRAL Língua portuguesa

PROVA BIMESTRAL Língua portuguesa 6 o ano 1 o bimestre PROVA BIMESTRAL Língua portuguesa Escola: Nome: Turma: n o : Leia com atenção o texto a seguir, para responder às questões de 1 a 4. Lisboa: aventuras tomei um expresso cheguei de

Leia mais

Na grafia de palavras em português utiliza-se um alfabeto constituído de 26 letras, às quais se podem acrescentar alguns sinais diacríticos.

Na grafia de palavras em português utiliza-se um alfabeto constituído de 26 letras, às quais se podem acrescentar alguns sinais diacríticos. 1 Aula 4 Fonologia e ortografia I Professora Ana Luiza Ferancini Nogueira Data: 09/04/2015 1. Fonologia Fonologia (do grego phone, som, e lógos, estudo ) é o domínio da linguística que trata da estrutura

Leia mais

ENSINO FUNDAMENTAL MAPA DE CONTEÚDOS E OBJETIVOS 1º BIMESTRE 4º ANO. Cruzeiro 3213-3838 Octogonal 3213-3737. Língua Portuguesa

ENSINO FUNDAMENTAL MAPA DE CONTEÚDOS E OBJETIVOS 1º BIMESTRE 4º ANO. Cruzeiro 3213-3838 Octogonal 3213-3737. Língua Portuguesa ENSINO FUNDAMENTAL Cruzeiro 3213-3838 Octogonal 3213-3737 www.ciman.com.br MAPA DE CONTEÚDOS E OBJETIVOS 1º BIMESTRE 4º ANO CPG Língua Portuguesa Leitura e interpretação de textos (características e função

Leia mais

O PROCESSO DE AQUISIÇÃO DA LINGUA ESCRITA: FUNDAMENTADO EM EMILIA FERREIRO E ANA TEBEROSKY.

O PROCESSO DE AQUISIÇÃO DA LINGUA ESCRITA: FUNDAMENTADO EM EMILIA FERREIRO E ANA TEBEROSKY. O PROCESSO DE AQUISIÇÃO DA LINGUA ESCRITA: FUNDAMENTADO EM EMILIA FERREIRO E ANA TEBEROSKY. Silvana da Silva Nogueira (FECLESC/UECE) Priscila Cavalcante Silva (FECLESC/UECE) Resumo O processo de aquisição

Leia mais

O Livro de informática do Menino Maluquinho

O Livro de informática do Menino Maluquinho Coleção ABCD - Lição 1 Lição 1 O Livro de informática do Menino Maluquinho 1 2 3 4 5 6 7 8 Algumas dicas para escrever e-mails: 1. Aprender português. Não adianta fi car orgulhoso por mandar um e-mail

Leia mais

Agenda Semanal 29 de abril a 03 de maio

Agenda Semanal 29 de abril a 03 de maio PERÍODO INTEGRAL Maternal 1, 2,3 Educação Infantil 1º e 2º Ano www.ethosmg.com.br escola@ethosmg.com.br www.facebook.com/ethosmg @EscolaEthos Agenda Semanal 29 de abril a 03 de maio Maternal 1, 2, 3 Educação

Leia mais

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 1ª PROVA PARCIAL DE LÍNGUA PORTUGUESA Aluno(a): Nº Ano: 6º Turma: Data: 18/03/2011 Nota: Professora: Letícia A. S. Ottoboni Valor da Prova: 40 pontos Assinatura

Leia mais

4.6 Argumento ab exemplo... 4.7 Argumento sistemático... 4.8 Argumentação naturalista...

4.6 Argumento ab exemplo... 4.7 Argumento sistemático... 4.8 Argumentação naturalista... SUMÁRIO Capítulo I Teoria da comunicação jurídica 1. Introdução 2. Aspectos gerais sobre a comunicação 3. Elementos da comunicação jurídica 4. A linguagem forense 5. A língua e a fala 6. As funções da

Leia mais

COLÉGIO MILLENNIUM CRONOGRAMA DE AVALIAÇÕES I AVALIAÇÃO FUNDAMENTAL MENOR 3º ANO B (2ª SÉRIE) MATEMÁTICA PORTUGUÊS

COLÉGIO MILLENNIUM CRONOGRAMA DE AVALIAÇÕES I AVALIAÇÃO FUNDAMENTAL MENOR 3º ANO B (2ª SÉRIE) MATEMÁTICA PORTUGUÊS Comunicado nº 006 /2011. I AVALIAÇÃO FUNDAMENTAL MENOR 3º ANO B (2ª SÉRIE) / RELIGIÃO / - Interpretação de Textos - Ortografia: H / LH, NH e CH / RR e SS - Adjetivo; - Gênero do substantivo: Masculino

Leia mais

Guia do Professor / Vozes da Cidade / Conhecendo.../ Eduardo Guimarães. Conhecendo a Cidade

Guia do Professor / Vozes da Cidade / Conhecendo.../ Eduardo Guimarães. Conhecendo a Cidade 1 Guia do Professor Episódio Conhecendo a Cidade Programa Vozes da Cidade Apresentação Como já vimos nos trabalhos desenvolvidos para o episódio 1, os trabalhos para o episódio 2 também trazem várias questões

Leia mais

Unidade: Os Níveis de Análise Linguística I. Unidade I:

Unidade: Os Níveis de Análise Linguística I. Unidade I: Unidade: Os Níveis de Análise Linguística I Unidade I: 0 OS NÍVEIS DE ANÁLISE LINGUÍSTICA I Níveis de análise da língua Análise significa partição em segmentos menores para melhor compreensão do tema.

Leia mais

Questão 01 Interpretação de texto. Questão 02 Acentuação gráfica

Questão 01 Interpretação de texto. Questão 02 Acentuação gráfica COMENTÁRIOS E RESPOSTAS À PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA DE NÍVEL MÉDIO PARA AGENTE ADMINSITRATIVO AUXILIAR PORTO ALEGRE DO CONCURSO DA FUNDAÇÃO ESTADUAL DE PROTEÇÃO E PESQUISA EM SAÚDE FEPS PROVA REALIZADA

Leia mais

ATIVIDADES PEDAGÓGICAS NA PERSPECTIVA DO ALFABETIZAR LETRANDO 1

ATIVIDADES PEDAGÓGICAS NA PERSPECTIVA DO ALFABETIZAR LETRANDO 1 . PREFEITURA MUNICIPAL DO SALVADOR Secretaria Municipal de Educação e Cultura SMEC Coordenadoria de Ensino e Apoio Pedagógico CENAP ATIVIDADES PEDAGÓGICAS NA PERSPECTIVA DO ALFABETIZAR LETRANDO 1 Angela

Leia mais

HABILIDADES INFANTIS RELACIONADAS À PRÁTICA DE LEITURA E SUAS IMPLICAÇÕES ORTOGRÁFICAS NA ESCRITA

HABILIDADES INFANTIS RELACIONADAS À PRÁTICA DE LEITURA E SUAS IMPLICAÇÕES ORTOGRÁFICAS NA ESCRITA HABILIDADES INFANTIS RELACIONADAS À PRÁTICA DE LEITURA E SUAS IMPLICAÇÕES ORTOGRÁFICAS NA ESCRITA Humberto Pires Junior 1 Milene Peixer Loio 2 Introdução A presente pesquisa 3 busca relacionar habilidades

Leia mais

1. Agrupa as palavras segundo o número de sílabas e distribui-as pelo quadro, conforme o exemplo.

1. Agrupa as palavras segundo o número de sílabas e distribui-as pelo quadro, conforme o exemplo. 1. Agrupa as palavras segundo o número de sílabas e distribui-as pelo quadro, conforme o exemplo. computador mesa livraria órgão lápis bolo pá Monossílabos Dissílabos Polissílabos 2. Separa as sílabas

Leia mais

COLÉGIO MARQUES RODRIGUES

COLÉGIO MARQUES RODRIGUES PROFESSOR DISCIPLINA TURMA DEISE MENEZES Português 201 ALUNO SIMULADO COLÉGIO MARQUES RODRIGUES Estrada da Água Branca, 2551 Realengo RJ Tel: (21) 3462-7520 www.colegiomr.com.br Questão 1 Complete o quadro.

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO 2º PERÍODO/2015 4º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO 2º PERÍODO/2015 4º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO 2º PERÍODO/2015 4º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL LÍNGUA PORTUGUESA (Unidades 1 e 2) Gêneros História em quadrinhos Letra de canção Diário Notícia Conto de fadas Texto de opinião Conto

Leia mais

CURRÍCULO 1º ANO do ENSINO UNDAMENTAL LINGUAGEM

CURRÍCULO 1º ANO do ENSINO UNDAMENTAL LINGUAGEM CURRÍCULO do ENSINO UNDAMENTAL LINGUAGEM ORALIDADE Formar frases com seqüência e sentido. Relacionar palavras que iniciam com vogais. Associar primeira letra/som em palavras iniciadas por vogal. Falar

Leia mais

Roteiro de Recuperação Paralela Gramática/texto

Roteiro de Recuperação Paralela Gramática/texto Roteiro de Recuperação Paralela Gramática/texto Professora da Disciplina: Maria Inez Data: /09/14 2º TRIMESTRE Aluno (a): Nº: Ano: 6º Ensino Fundamental Período: Matutino O processo de recuperação começa

Leia mais

1º ANO A 06 07 2015 ATIVIDADE DE FÉRIAS

1º ANO A 06 07 2015 ATIVIDADE DE FÉRIAS 1º ANO A 06 07 2015 VAMOS RELEMBRAR ALGUMAS ATIVIDADES QUE APRENDEMOS DURANTE AS AULAS? LEIA E IDENTIFIQUE CADA SÍLABA DOS QUADROS ABAIXO, DEPOIS RECORTE E COLE UMA FIGURA QUE INICIE COM A SÍLABA E ESCREVA

Leia mais

Equipe de Língua Portuguesa PORTUGUÊS

Equipe de Língua Portuguesa PORTUGUÊS Aluno (a): Série: 3ª TUTORIAL 13R Ensino Médio Data: Turma: Equipe de Língua Portuguesa PORTUGUÊS FONÉTICA E FONOLOGIA 1. FONOLOGIA É a parte da Gramática que estuda o comportamento dos fonemas de uma

Leia mais

AVALIAÇÃO DE LINGUAGENS PONTUAÇÃO: 10,0

AVALIAÇÃO DE LINGUAGENS PONTUAÇÃO: 10,0 DE LINGUAGENS PONTUAÇÃO: 10,0 2 QUESTÃO 01 (1,0) Leia a frase a seguir. Há coisas na vida que não dependem de você, mas ofereça sempre o seu melhor para tudo que por acaso depender. 3 As palavras destacadas

Leia mais

PLANIFICAÇÃO ANUAL 2013-2014

PLANIFICAÇÃO ANUAL 2013-2014 PLANIFICAÇÃO ANUAL 2013-2014 Agrupamento de Escolas Domingos Sequeira Área Disciplinar: Português Ano de Escolaridade: 3º Mês: outubro Domínios de referência Objetivos/Descritores Conteúdos Oralidade 1

Leia mais

4. Implicações pedagógicas

4. Implicações pedagógicas Esta criança tem 4 de idade. Verifica-se que se utiliza das letras de seu nome e apenas vai rearranjando sua ordem. Sua leitura é global. Caracterizando-se, portanto no nível 2 diferenciação na escrita.

Leia mais

ROTEIRO 1ª ETAPA 4º Ano M/T / Ensino Fundamental I PROFESSORAS MAGDA NUNES/DOMINICK MASCARENHAS/EDYLA/JÉSSICA

ROTEIRO 1ª ETAPA 4º Ano M/T / Ensino Fundamental I PROFESSORAS MAGDA NUNES/DOMINICK MASCARENHAS/EDYLA/JÉSSICA ROTEIRO 1ª ETAPA 4º Ano M/T / Ensino Fundamental I PROFESSORAS MAGDA NUNES/DOMINICK MASCARENHAS/EDYLA/JÉSSICA Queridos Alunos, É hora de reafirmarmos o compromisso com nossos estudos e nos prepararmos

Leia mais

SIMULADO DE MATEMÁTICA

SIMULADO DE MATEMÁTICA SIMULADO DE MATEMÁTICA 1- Qual o antecessor e o sucessor do número abaixo. 497 a) 490/550 b) 49/71 c) 496/498 d) 498/496 2- Marque a alternativa correta quando decompomos o número 1986. a) 9 centenas,

Leia mais