Resultados Consolidados 1º Semestre de 2015

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Resultados Consolidados 1º Semestre de 2015"

Transcrição

1 SAG GEST Sluções Autmóvel Glbais, SGPS, SA Sciedade Aberta Estrada de Alfragide, nº 67, Amadra Capital Scial: Eurs sb númer únic de matrícula e de pessa clectiva COMUNICADO Resultads Cnslidads 1º Semestre de 2015 SAG mantem frte desempenh peracinal Vlume de negócis n 1º Semestre de 2015 cresce 31% para Eur 310 milhões EBITDA cresce 16% e atinge Eur 8,8 milhões A participaçã na Unidas é de nv incluída n perímetr da cnslidaçã da SAG, através d Métd da Equivalência Patrimnial Vlume de Vendas Cnslidad Eur 309,7 milhões cm aument de 30,8% SIVA mantém a liderança n mercad de ligeirs de passageirs em Prtugal, refrçand a sua quta de mercad para 16,5% (16,4% em 2014) EBITDA cresce 15,5%, para Eur 8,8 milhões Resultads líquids registam uma melhria de 6,5% em relaçã a 1º Semestre de 2014 atingind valr, ainda negativ, de Eur 4,4 milhões 1, pr via d pes ds encargs financeirs, que ttalizaram Eur 10.6 milhões A receita líquida cnslidada da Participada Unidas cresceu 20,8% relativamente a 1º Semestre de 2014, cm cresciments de 12,4% n EBITDA e de 20,3% n EBIT. N final d Semestre a frta ttal da Participada Unidas era de cerca de 42 mil veículs (um acréscim de quase 7% face a 30 de Junh de 2014) 1 Resultads reflectem a alteraçã d métd de cnslidaçã da participaçã detida na Participada Unidas S/A SAG GEST Sluções Autmóvel Glbais, SGPS, SA Sciedade Aberta Sede: Estrada de Alfragide, nº 67 Amadra 1

2 1. DESEMPENHO OPERACIONAL a) Distribuiçã Autmóvel O Mercad Autmóvel Prtuguês refrçu a tendência de cresciment já verificada n an de 2014 e n 1º Trimestre de 2015: n 1º Semestre de 2015 mercad de Veículs Ligeirs registu um aument de 31,1% em relaçã a mesm períd de 2014, cm um vlume ttal de unidades. A SIVA acmpanhu, em terms gerais, cresciment d mercad, mantend a sua psiçã de liderança n ranking ds Imprtadres que peram em Prtugal, cm uma quta glbal de 15,4% e um vlume de cerca de unidades, n mercad ttal de Veículs Ligeirs, e uma quta de 16,5%, cm um vlume de viaturas, n mercad de Viaturas de Passageirs: A Marca Vlkswagen Veículs de Passageirs, cm um vlume de unidades e um cresciment de 39,3%, refrçu a sua quta de mercad, que atingiu s 9,7% (9,2% em 2014), tend assumid particular relev cmprtament d nv Vlkswagen Passat (Carr Eurpeu d An e Carr d An Vlante de Cristal, em Prtugal). A Marca Audi que, pelas suas características, se encntra relativamente mens vcacinada para segment d rent-a-car, registu um cresciment de vlume de 23,1% em relaçã a vlume d mesm períd d an anterir, cm unidades (4.162 unidades n 1º Semestre de 2014). A Marca Skda registu um cresciment de 32,0%, para as unidades (1.324 n mesm períd de 2014), e manteve a sua quta de mercad (1,7%), apesar de lançament d nv Fabia apenas ter crrid já n 2º Trimestre d an. A Marca Vlkswagen Veículs Cmerciais registu um cresciment de vlume de 10,9%, cm viaturas (1.039 unidades n mesm períd de 2014). N segment ds furgões e pickups, a Marca refrçu a sua psiçã, cm um aument de vlume de 26,0%, a que crrespndeu uma quta de mercad de 9,1% (8,8% n mesm períd de 2014). b) Retalh Autmóvel As Cncessões participadas pela SAG Gest (Saut, Lures Autmóveis, Rlprt e Rlvia) venderam, durante 1º Semestre de 2015 e n seu cnjunt viaturas nvas das Marcas Vlkswagen, Audi, Skda e Vlkswagen Veículs Cmerciais, que representu um aument de 32,3% em relaçã às viaturas vendidas durante mesm períd d an anterir. Na actividade de viaturas Usadas, as Cncessões Saut venderam unidades, registand um cresciment de 17,5% em relaçã às 858 unidades vendidas n 1º Semestre de c) Brasil Apesar da cnjuntura macrecnómica que prevaleceu n Brasil durante td 1º Semestre de 2015, Vlume de Negócis da Participada Unidas S/A apresentu um aument de cerca de 21% em relaçã a mesm períd de 2014: N segment de Rent-a-Car, vlume da actividade fi de 1,9 milhões de diárias, apresentand um aument de 21,5% em relaçã a vlume d 1º Semestre de 2014 (1,6 milhões de diárias). A receita líquida desta área de actividade registu um cresciment de 17,1% em relaçã a períd hmólg d an anterir. SAG GEST Sluções Autmóvel Glbais, SGPS, SA Sciedade Aberta Sede: Estrada de Alfragide, nº 67 Amadra 2

3 Na área de Renting, num mercad intensamente cmpetitiv, nde fram mais evidentes s impacts das cndições ecnómicas adversas que se fizeram sentir n Brasil, a receita líquida d 1º Semestre de 2015 registu um valr idêntic a registad n mesm períd de Na actividade de Semi-Nvs, aument de 31,9% d vlume de actividade riginu um increment de 36,9% n valr da receita líquida. A frta ttal da Participada Unidas S/A n final d Semestre era de viaturas, mais 6,9% d que as unidades em frta em 30 de Junh de O EBITDA cnslidad da Participada Unidas S/A registu um aument de 12,4% em relaçã a 1º Semestre de O resultad líquid da Participada Unidas S/A n 1º Semestre de 2015 fi R$ 16,0 milhões (Eur 4,9 milhões). 2. RESULTADOS ECONÓMICOS E FINANCEIROS Apesar de a SAG Gest manter a intençã de alienar a sua participaçã na Participada Unidas S/A, as cndições macrecnómicas d Brasil nã permitiram a realizaçã de uma transacçã de venda deste investiment que, desde 1 de Julh de 2013, se encntrava recnhecid cm Activ Nã Crrente Detid Para Venda, de acrd cm IFRS 5 Activs Nã Crrentes Detids Para Venda e Operações Descntinuadas. Ns terms da mesma Nrma, e da IAS 28 Investiments em Assciadas e Jint Ventures, a Participada Unidas S/A vltu a ser incluída nas Demnstrações Financeiras Cnslidadas da SAG Gest, através d Métd da Equivalência Patrimnial. Nmeadamente, a SAG Gest passu a recnhecer a aprpriaçã da sua quta-parte ds resultads líquids da Participada Unidas S/A, desde 1 de Julh de 2013, tend em cnsequência sid ajustadas as Demnstrações Cnslidadas da SAG Gest desde a mesma data. Os mntantes seguidamente referids, bem cm as Demnstrações Financeiras Cnslidadas anexas, reflectem já, tant em relaçã a 2015 cm a 2014, s ajustaments resultantes desta alteraçã. O Vlume de Negócis Cnslidad d 1º Semestre de 2015 fi Eur 309,7 milhões, representand um aument de 30,8% em relaçã a valr de Eur 236,7 milhões registad n períd hmólg d an anterir. Apesar d aument d investiment cmercial de suprte à actividade cmercial e ds custs de restruturaçã nã recrrentes incrrids durante períd, na área d Retalh Autmóvel, EBITDA Cnslidad d 1º Semestre de 2015 (Eur 8,8 milhões) registu um aument de 15,5% em relaçã a valr de Eur 7,7 milhões registad n 1º Semestre de O Resultad Antes de Jurs e Impsts (EBIT) fi Eur 7,6 milhões, um aument de 20,8% em relaçã as cerca de Eur 6,3 milhões d 1º Semestre de Em cnsequência da alteraçã d métd de recnheciment da participaçã detida na Participada Unidas S/A, fi aprpriada a quta-parte da SAG Gest n resultad líquid daquela Entidade, que implicu recnheciment de um prveit de Eur 1,7 milhões durante 1º Semestre de 2015, e de cerca de Eur 1,6 milhões n mesm períd de SAG GEST Sluções Autmóvel Glbais, SGPS, SA Sciedade Aberta Sede: Estrada de Alfragide, nº 67 Amadra 3

4 O cust financeir líquid cnslidad apresentu um aument de cerca de Eur 1,6 milhões devid, pr um lad, à necessidade de cntratar garantias bancárias adicinais para suprtar cresciment de vlume e, pr utr lad, às necessidades adicinais de financiament d fund de manei. O resultad líquid atribuível à SAG Gest fi ainda negativ, n 1º Semestre de 2015, em cerca de Eur 4,4 milhões 2. A Dívida Líquida cnslidada em 30 de Junh de 2015 era Eur 295,5 milhões, que representu um aument de cerca de Eur 10,0 milhões em cmparaçã cm valr de Eur 285,5 milhões registad n final de 2014, que resulta das necessidades de fund de manei assciadas a aument da actividade, que se verificam, sbretud, ns Inventáris e nas Dívidas de Terceirs. Em 30 de Junh de 2015, a Situaçã Líquida Cnslidada da SAG Gest apresenta-se negativa em Eur 45,3 milhões 3. Na Assembleia Geral Anual de Accinistas realizada em 29 de Mai de 2015 fi aprvada uma prpsta para a cncretizaçã de Prestações Acessórias de Capital, a realizar integralmente pela Accinista Principal S.A., n valr de Eur 35,0 milhões, cuja implementaçã se encntra sujeita à cnclusã, pela Accinista Principal SA, das negciações em curs cm s Bancs subscritres d Acrd Quadr da SAG Gest. Pr acrd cm esses Bancs, a implementaçã desta deliberaçã nã crreu, tend em cnta que aquelas negciações fram alargadas n sentid de prmver uma peraçã de restruturaçã financeira mais abrangente da SAG Gest, cm bjectiv de refrçar s seus Capitais Própris Cnslidads, de reduzir a respectiva dívida e de renegciar as suas maturidades, n sentid de permitir que a cnta de resultads da SAG Gest se manterá estruturalmente rentável e que a situaçã patrimnial cnslidada é equilibrada. Este prcess envlveu a designaçã de dis Bancs assessres para a SAG Gest que, cm base n mdel que esta desenvlveu, estruturaram um cnjunt de perações que, a realizarem-se, cncretizam s bjectivs estabelecids para a situaçã patrimnial e para a cnta de resultads prjectada da SAG Gest. Estã ainda em curs, à data da publicaçã desta infrmaçã, s prcesss interns de avaliaçã, em cada um ds quatr Bancs envlvids, da sluçã prpsta, send bjectiv da SAG Gest pder vir a cncluir este prcess ainda durante este 3º Trimestre de Alfragide, 31 de Agst de 2015 Jsé Maria Cabral Vzne Representante para as Relações cm Mercad 2 O valr d resultad da Participada Unidas aprpriad durante 1º Semestre de 2015 fi Eur 1,7 milhões. O Resultad Líquid Cnslidad da SAG Gest reprtad, cm exclusã deste ajustament, teria sid negativ em Eur 6,1 milhões. 3 Excluind impact ds ajustaments decrrentes da alteraçã d métd de recnheciment d investiment na Participada Unidas S/A, valr ds Capitais Própris Cnslidads seria negativ em Eur 34,6 milhões. SAG GEST Sluções Autmóvel Glbais, SGPS, SA Sciedade Aberta Sede: Estrada de Alfragide, nº 67 Amadra 4

5 DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS CONSOLIDADOS (Nã Auditad) Períd de 6 meses find em 30 de Junh Demnstraçã de Resultads (Valres em Eur 000) 2015 Ajustad 2014 Reprtad % Variaçã vs Ajustad Vendas 304, , , % Prestaçã de serviçs 5,136 4,675 4, % Vlume de Negócis 309, , , % Margem Efectiva 31,595 29,084 29, % % d Vlume de Negócis 10.2% 12.3% 12.3% FSE - Custs Cmerciais (5,758) (5,215) (5,215) 10.4% FSE - Custs cm Viaturas (867) (816) (816) 6.3% Sub Ttal Custs Variáveis (6,625) (6,031) (6,031) 9.9% FSE - Custs de Estrutura (5,830) (5,393) (5,393) 8.1% Custs Pessal (10,298) (10,005) (10,005) 2.9% Sub Ttal Custs de Estrutura (16,128) (15,398) (15,398) 4.7% Custs Operacinais (22,754) (21,430) (21,430) 6.2% EBITDA 8,842 7,655 7, % % d Vlume de Negócis 2.9% 3.2% 3.2% Amrtizações d Exercici (882) (962) (962) -8.4% Mais/(Mens) Valias #DIV/0! Prvisões (111) (151) (151) -26.3% Imparidades (204) (204) (204) 0.1% EBIT 7,654 6,338 6, % % d Vlume de Negócis 2.5% 2.7% 2.7% Dividends e Mais Valias de Investiments 1,704 1,625 (4) 4.9% Jurs Líquids (8,420) (7,402) (7,402) 13.8% Outrs Custs Financeirs (3,920) (3,267) (3,267) 20.0% Resultad Financeir (10,637) (9,045) (10,673) 17.6% EBT (2,983) (2,706) (4,335) 10.2% % d Vlume de Negócis -1.0% -1.1% -1.8% Resultad Líquid Cnslidad (4,277) (4,611) (6,240) -7.3% Interesses que nã Cntrlam (91) (61) (61) 48.5% Resultad Líquid Atribuível à SAG (4,368) (4,673) (6,302) -6.5% % d Vlume de Negócis -1.4% -2.0% -2.7% SAG GEST Sluções Autmóvel Glbais, SGPS, SA Sciedade Aberta Sede: Estrada de Alfragide, nº 67 Amadra 5

6 BALANÇO CONSOLIDADO (Nã Auditad) Balanç Cnslidad (Valres em Eur 000) Junh 2015 CONSOLIDADO Dezembr 2014 Ajustad Reprtad Outrs Activs Fixs 78,940 79,176 79,176 Investiments em Assciadas 102, , Dívidas de Terceirs - Entidades Relacinadas 120, , ,512 Impsts Diferids Activs 8,919 9,361 9,361 Activs Nã Crrentes 310, , ,064 Existências 205, , ,221 Cntas a Receber 112,857 78,580 78,580 Impsts Crrentes Sbre Rendiment 6,360 7,183 7,183 Outrs Impsts 6,300 5,171 5,171 Caixa e Depósits à Ordem 7,851 16,695 16,695 Activs Crrentes 338, , ,850 Activs nã Crrentes Detids para Venda ,467 TOTAL DO ACTIVO 649, , ,381 Capital Scial, Reservas e Interesses que Nã Cntrlam 48,761 48,670 48,670 Stck Optins Prestações Acessórias 53,772 53,928 53,928 Ajustaments de Cnversã de Meda (41,662) (35,609) (41,383) Ajustaments de Cnversã de Meda - "Gdwill " (15,324) (12,994) (9,501) Resultads Transitads (86,749) (80,053) (24,993) Resultad d Exercíci (4,368) (6,696) (55,411) TOTAL DA SITUAÇÃO LÍQUIDA (45,289) (32,472) (28,409) Empréstims de Médi e Lng Praz 464 4,880 4,880 Impsts Diferids Passivs 1,706 1,706 1,706 Prvisões 3,607 3,500 3,500 Passivs Nã Crrentes 5,777 10,086 10,086 Empréstims de Curt Praz 302, , ,363 Cntas a Pagar 340, , ,936 Impsts Crrentes Sbre Rendiment 1,290 1,462 1,462 Outrs Impsts a Pagar 44,263 29,944 29,944 Passivs Crrentes 688, , ,705 TOTAL DO PASSIVO 694, , ,791 TOTAL DO PASSIVO E SITUAÇÃO LÍQUIDA 649, , ,381 SAG GEST Sluções Autmóvel Glbais, SGPS, SA Sciedade Aberta Sede: Estrada de Alfragide, nº 67 Amadra 6

7 SAG GEST Sluções Autmóvel Glbais, SGPS, SA Sciedade Aberta Sede: Estrada de Alfragide, nº 67 Amadra 7

Resultados Consolidados 1º Trimestre de 2015

Resultados Consolidados 1º Trimestre de 2015 SAG GEST Sluções Autmóvel Glbais, SGPS, SA Sciedade Aberta Estrada de Alfragide, nº 67, Amadra Capital Scial: 169.764.398 Eurs Matriculada na Cnservatória d Regist Cmercial da Amadra sb númer únic de matrícula

Leia mais

Resultados Consolidados 3º Trimestre de 2014

Resultados Consolidados 3º Trimestre de 2014 SAG GEST Sluções Autmóvel Glbais, SGPS, SA Sciedade Aberta Estrada de Alfragide, nº 67, Amadra Capital Scial: 169.764.398 Eurs Matriculada na Cnservatória d Regist Cmercial da Amadra sb númer únic de matrícula

Leia mais

Resultados Consolidados 4º Trimestre de 2014

Resultados Consolidados 4º Trimestre de 2014 SAG GEST Sluções Autmóvel Glbais, SGPS, SA Sciedade Aberta Estrada de Alfragide, nº 67, Amadra Capital Scial: 169.764.398 Eurs Matriculada na Cnservatória d Regist Cmercial da Amadra sb númer únic de matrícula

Leia mais

Resultados Consolidados 3º Trimestre de 2016

Resultados Consolidados 3º Trimestre de 2016 SAG GEST Sluções Autmóvel Glbais, SGPS, SA Sciedade Aberta Estrada de Alfragide, nº 67, Amadra Capital Scial: 169.764.398 Eurs sb númer únic de matrícula e de pessa clectiva 503 219 886 COMUNICADO Resultads

Leia mais

Resultados Consolidados 4º Trimestre de 2016

Resultados Consolidados 4º Trimestre de 2016 SAG GEST Sluções Autmóvel Glbais, SGPS, SA Sciedade Aberta Estrada de Alfragide, nº 67, Amadra Capital Scial: 169.764.398 Eurs sb númer únic de matrícula e de pessa clectiva 503 219 886 COMUNICADO Resultads

Leia mais

2. Condições a Observar pelas Empresas Beneficiárias. Síntese dos termos e condições gerais da Linha de Crédito PME Crescimento. Condições genéricas:

2. Condições a Observar pelas Empresas Beneficiárias. Síntese dos termos e condições gerais da Linha de Crédito PME Crescimento. Condições genéricas: 2. Cndições a Observar pelas Empresas Beneficiárias Síntese ds terms e cndições gerais da Linha de Crédit PME Cresciment ( presente dcument identifica as principais características da Linha de Crédit PME

Leia mais

RESULTADOS SONAE SIERRA DE 2007

RESULTADOS SONAE SIERRA DE 2007 COMUNICADO SONAE - SGPS, S. A. Sede: Lugar d Espid, Via Nrte, Maia Capital scial: 2.000.000.000,00 Matriculada na Cnservatória d Regist Cmercial da Maia sb númer únic de matrícula e identificaçã fiscal

Leia mais

Formação integrada em Contabilidade, Finanças e Fiscalidade

Formação integrada em Contabilidade, Finanças e Fiscalidade Frmaçã integrada em Cntabilidade, Finanças e Fiscalidade Objetivs Gerais Este Curs pretende dtar e cnslidar ns participantes s cnheciments avançads para desempenh das suas atividades prfissinais ns dmínis

Leia mais

RELATÓRIO E CONTAS CONTAS SEPARADAS

RELATÓRIO E CONTAS CONTAS SEPARADAS RELATÓRIO E CONTAS CONTAS SEPARADAS 2014 SAG GEST Sluções Autmóvel Glbais, SGPS, SA Sciedade Aberta C.R.C. Amadra n.º 503 219 886 Capital Scial: EUR 169.764.398 NIPC 503 219 886 Sede: Estrada de Alfragide,

Leia mais

OUTRAS SOCIEDADES EM QUE OS MEMBROS DOS ORGÃOS SOCIAIS EXERCEM CARGOS

OUTRAS SOCIEDADES EM QUE OS MEMBROS DOS ORGÃOS SOCIAIS EXERCEM CARGOS OUTRAS SOCIEDADES EM QUE OS MEMBROS DOS ORGÃOS SOCIAIS EXERCEM CARGOS MEMBROS DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO Dr. Jã Manuel de Queved Pereira Cutinh Outrs cargs desempenhads em Entidades d Grup SAG Presidente

Leia mais

OUTRAS SOCIEDADES EM QUE OS MEMBROS DOS ORGÃOS SOCIAIS EXERCEM CARGOS

OUTRAS SOCIEDADES EM QUE OS MEMBROS DOS ORGÃOS SOCIAIS EXERCEM CARGOS OUTRAS SOCIEDADES EM QUE OS MEMBROS DOS ORGÃOS SOCIAIS EXERCEM CARGOS MEMBROS DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO Dr. Jã Manuel de Queved Pereira Cutinh Outrs cargs desempenhads em Entidades d Grup SAG Presidente

Leia mais

Padrões Contábeis CPC-IFRS Atualizado pelos Pronunciamentos CPC. Rafael Borges Morch José Augusto Veiga da Costa Marques

Padrões Contábeis CPC-IFRS Atualizado pelos Pronunciamentos CPC. Rafael Borges Morch José Augusto Veiga da Costa Marques Padrões Cntábeis CPC-IFRS Atualizad pels Prnunciaments CPC Rafael Brges Mrch Jsé August Veiga da Csta Marques Prpsta de curs Cntextualizar ambiente da cnvergência cntábil Apresentar s nvs padrões cntábeis

Leia mais

SAG GEST Soluções Automóvel Globais, SGPS, SA Sociedade Aberta

SAG GEST Soluções Automóvel Globais, SGPS, SA Sociedade Aberta SAG GEST Soluções Automóvel Globais, SGPS, SA Sociedade Aberta Estrada de Alfragide, nº 67, Amadora Capital Social: 169.764.398 Euros sob o número único de matrícula e de pessoa colectiva 503 219 886 COMUNICADO

Leia mais

INDICE DE PREÇOS TURISTICO. Desenvolvido no quadro do Programa Comum de Estatística CPLP com o apoio técnico do INE de Portugal

INDICE DE PREÇOS TURISTICO. Desenvolvido no quadro do Programa Comum de Estatística CPLP com o apoio técnico do INE de Portugal INDICE DE PREÇOS TURISTICO Desenvlvid n quadr d Prgrama Cmum de Estatística CPLP cm api técnic d INE de Prtugal Estrutura da Apresentaçã INTRODUÇÃO. METODOLOGIA. FORMA DE CÁLCULO. PROCESSO DE TRATAMENTO.

Leia mais

Alteração à Linha de Crédito para apoio às Empresas de Produção, Transformação e Comercialização de Produtos Agrícolas, Pecuários e Florestais

Alteração à Linha de Crédito para apoio às Empresas de Produção, Transformação e Comercialização de Produtos Agrícolas, Pecuários e Florestais Inf - Estruturas Infrmaçã Mensal d Sectr Linha de Crédit PME 2009 Alteraçã à Linha de Crédit para api às Empresas de Prduçã, Transfrmaçã e Cmercializaçã de Prduts Agríclas, Pecuáris e Flrestais A Linha

Leia mais

Apresentação ao mercado do cronograma do processo de adopção plena das IAS/IFRS no sector financeiro

Apresentação ao mercado do cronograma do processo de adopção plena das IAS/IFRS no sector financeiro Apresentaçã a mercad d crngrama d prcess de adpçã plena das IAS/IFRS n sectr financeir DEPARTAMENTO DE SUPERVISÃO PRUDENCIAL DAS INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS 12 de Junh de 2014 Departament de Supervisã Prudencial

Leia mais

Relatório de Gerenciamento de Riscos

Relatório de Gerenciamento de Riscos Relatóri de Gerenciament de Riscs 2º Semestre de 2014 1 Sumári 1. Intrduçã... 3 2. Gerenciament de Riscs... 3 3. Risc de Crédit... 4 3.1. Definiçã... 4 3.2. Gerenciament... 4 3.3. Limites de expsiçã à

Leia mais

Resultados Janeiro Junho / 2015. Resultados 2T14 Telefônica Brasil S.A.

Resultados Janeiro Junho / 2015. Resultados 2T14 Telefônica Brasil S.A. Resultads Janeir Junh / 2015 Resultads 2T14 Resultads 2T15 Neste 0+ trimestre, após a cnclusã da aquisiçã da GVT, divulgams as infrmações da nva Cmpanhia, que atingiu sólid cresciment anual ns principais

Leia mais

COMUNICADO. Resultados Consolidados do 1º Semestre de 2007 (Não Auditados)

COMUNICADO. Resultados Consolidados do 1º Semestre de 2007 (Não Auditados) SAG GEST SOLUÇÕES AUTOMÓVEL GLOBAIS, SGPS, SA Sociedade Aberta Sede: Estrada de Alfragide, 67, Amadora Capital Social: 169.764.398,00 NIPC 503 219 886 Matriculada na Conservatória do Registo Comercial

Leia mais

Divulgação de Resultados Primeiro Trimestre de 2014

Divulgação de Resultados Primeiro Trimestre de 2014 Divulgaçã de Resultads Primeir Trimestre de 2014 Barueri, 14 de mai de 2014. Apresentaçã de Resultads 1T14 A Temp Participações S.A. (BM&FBvespa: TEMP3; Reuters: TEMP3.SA; Blmberg: TEMP3 BZ), empresa de

Leia mais

Resultados Janeiro Março / 2015. Resultados 2T14 Telefônica Brasil S.A.

Resultados Janeiro Março / 2015. Resultados 2T14 Telefônica Brasil S.A. Resultads Janeir Març / 2015 Resultads 2T14 TELEFÔNICA 0+ BRASIL REGISTRA NO 1T15 CRESCIMENTO RECORDE NA RECEITA OPERACIONAL LÍQUIDA, IMPULSIONADO PELA ACELERAÇÃO NA RECEITA DE DADOS MÓVEIS DESTAQUES Cntínu

Leia mais

PROTOCOLO FINANCEIRO E DE COOPERAÇÃO

PROTOCOLO FINANCEIRO E DE COOPERAÇÃO PROTOCOLO FINANCEIRO E DE COOPERAÇÃO MUNICÍPIO DE PAREDES DE COURA Fund Lcal n Cncelh de Paredes de Cura PROTOCOLO FINANCEIRO E DE COOPERAÇÃO Entre: O Municípi de Paredes de Cura, pessa clectiva nº 506

Leia mais

Divulgação de Resultados Terceiro Trimestre de 2013

Divulgação de Resultados Terceiro Trimestre de 2013 Divulgaçã de Resultads Terceir Trimestre de 2013 Barueri, 12 de nvembr de 2013. Apresentaçã de Resultads 3T13 A Temp Participações S.A. (BM&FBvespa: TEMP3; Reuters: TEMP3.SA; Blmberg: TEMP3 BZ), empresa

Leia mais

Orientações e Recomendações Orientações relativas à informação periódica a apresentar à ESMA pelas Agências de notação de risco

Orientações e Recomendações Orientações relativas à informação periódica a apresentar à ESMA pelas Agências de notação de risco Orientações e Recmendações Orientações relativas à infrmaçã periódica a apresentar à ESMA pelas Agências de ntaçã de risc 23/06/15 ESMA/2015/609 Índice 1 Âmbit de aplicaçã... 3 2 Definições... 3 3 Objetiv

Leia mais

Relatório de Gerenciamento de Riscos

Relatório de Gerenciamento de Riscos Relatóri de Gerenciament de Riscs 2º Semestre de 2015 1 Sumári 1. Intrduçã... 3 2. Gerenciament de Riscs... 3 2.1. Organgrama... 4 3. Risc de Crédit... 4 3.1. Definiçã... 4 3.2. Gerenciament... 4 3.3.

Leia mais

Consolidated Results 1st Half 2015

Consolidated Results 1st Half 2015 SAG GEST Sluções Autmóvel Glbais, SGPS, SA Listed Cmpany Estrada de Alfragide, nr. 67, Amadra Registered Share Capital: 169.764.398 Eurs Registered at the Amadra Registrar f Cmpanies Registratin and Taxpayer

Leia mais

Ficha Cadastro Pessoa Física

Ficha Cadastro Pessoa Física Ficha Cadastr Pessa Física Grau de sigil #00 Em se tratand de mais de um titular, preencher uma ficha para cada um. Cas necessári, utilize utra ficha para cmpletar s dads. Dads da Cnta na CAIXA Cód. agência

Leia mais

Ficha Cadastro Pessoa Física

Ficha Cadastro Pessoa Física Ficha Cadastr Pessa Física Grau de sigil #00 Em se tratand de mais de um titular, preencher uma ficha para cada um. Cas necessári, utilize utra ficha para cmpletar s dads. ads da Cnta na CAIXA Cód. agência

Leia mais

OUTRAS SOCIEDADES EM QUE OS MEMBROS DOS ORGÃOS SOCIAIS EXERCEM CARGOS

OUTRAS SOCIEDADES EM QUE OS MEMBROS DOS ORGÃOS SOCIAIS EXERCEM CARGOS OUTRAS SOCIEDADES EM QUE OS MEMBROS DOS ORGÃOS SOCIAIS EXERCEM CARGOS MEMBROS DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO Dr. Jã Manuel de Queved Pereira Cutinh Presidente d Cnselh de Administraçã: LGA Lgística Autmóvel,

Leia mais

WORKSHOPS SOBRE AS POSSIBILIDADES DE COOPERAÇÃO / CONCENTRAÇÃO NO SECTOR AUXILIAR NAVAL

WORKSHOPS SOBRE AS POSSIBILIDADES DE COOPERAÇÃO / CONCENTRAÇÃO NO SECTOR AUXILIAR NAVAL WORKSHOPS SOBRE AS POSSIBILIDADES DE COOPERAÇÃO / CONCENTRAÇÃO NO SECTOR AUXILIAR NAVAL ÍNDICE I. Apresentaçã e bjectivs d wrkshp II. III. Resultads ds inquérits Ambiente cmpetitiv Negóci Suprte Prcesss

Leia mais

APEIEMP. Associação para o Pólo de Excelência e Inovação para as Empresas do Mobiliário de Portugal PLANO DE ACTIVIDADES E ORÇAMENTO

APEIEMP. Associação para o Pólo de Excelência e Inovação para as Empresas do Mobiliário de Portugal PLANO DE ACTIVIDADES E ORÇAMENTO APEIEMP Assciaçã para Pól de Excelência e Invaçã para as Empresas d Mbiliári de Prtugal PLANO DE ACTIVIDADES E ORÇAMENTO 2010 ÍNDICE 1. Intrduçã 3 2. Envlvente macrecnómica 4 3. Envlvente sectrial 5 4.

Leia mais

Resultado Líquido da Reditus aumenta 57,7% no 1º semestre de 2014

Resultado Líquido da Reditus aumenta 57,7% no 1º semestre de 2014 Resultado Líquido da Reditus aumenta 57,7% no 1º semestre de 2014 Proveitos Operacionais de 60,8 milhões de euros (+ 8,1%) EBITDA de 5,6 milhões de euros (+ 11,1%) Margem EBITDA 9,2% (vs. 8,9%) Resultado

Leia mais

www.highskills.pt geral@highskills.pt

www.highskills.pt geral@highskills.pt www.highskills.pt geral@highskills.pt Índice Designaçã d Curs... 2 Duraçã Ttal d Curs de Frmaçã... 2 Destinatáris... 2 Objetiv Geral... 2 Objetivs Específics... 2 Estrutura mdular e respectiva carga hrária...

Leia mais

RESULTADOS CONSOLIDADOS A 30 DE JUNHO DE 2005 1

RESULTADOS CONSOLIDADOS A 30 DE JUNHO DE 2005 1 COMUNICADO Página 1 / 9 RESULTADOS CONSOLIDADOS A 30 DE JUNHO DE 2005 1 09 de Setembro de 2005 (Os valores apresentados neste comunicado reportam-se ao primeiro semestre de 2005, a não ser quando especificado

Leia mais

REP REGISTO DOS PROFISSIONAIS DO EXERCICIO

REP REGISTO DOS PROFISSIONAIS DO EXERCICIO REP REGISTO DOS PROFISSIONAIS DO EXERCICIO Um prject eurpeu em clabraçã cm a EHFA Eurpean Health and Fitness Assciatin, cm sede em Bruxelas Regist ds Prfissinais Intrduçã Estams numa fase em que a Tutela

Leia mais

Reajuste Tarifário de 2006. Esclarecimentos sobre os valores concedidos pela ANEEL

Reajuste Tarifário de 2006. Esclarecimentos sobre os valores concedidos pela ANEEL Reajuste Tarifári de 2006 Esclareciments sbre s valres cncedids pela ANEEL Abril/2006 Agenda Intrduçã IRT 2006 CVA PASEP-COFINS Impact na geraçã de caixa 2 ANEEL divulga reajuste de 6,7% Resluçã Hmlgatória

Leia mais

PROGRAMA DESENVOLVIMENTO RURAL CONTINENTE 2014-2020. DESCRIÇÃO DA AÇÃO Versão: 1 Data: 28/10/2013

PROGRAMA DESENVOLVIMENTO RURAL CONTINENTE 2014-2020. DESCRIÇÃO DA AÇÃO Versão: 1 Data: 28/10/2013 PROGRAMA DESENVOLVIMENTO RURAL CONTINENTE 2014-2020 DESCRIÇÃO DA AÇÃO Versã: 1 Data: 28/10/2013 M5. ORGANIZAÇÃO DA PRODUÇÃO AÇÃO 5.1. CRIAÇÃO DE AGRUPAMENTOS E ORGANIZAÇÃO DE PRODUTORES NOTA INTRODUTÓRIA

Leia mais

Cm Criar Seu Própri Empreg em Apenas 5 Passs 1 1º Pass: A IDEIA 2º Pass: O CONTACTO COM VÁRIAS INSTITUIÇÕES E ENTIDADES 3º Pass: PLANO DE NEGÓCIOS 4º Pass: CRIAÇÃO DA EMPRESA E INÍCIO DE ACTIVIDADE 5º

Leia mais

OUTRAS SOCIEDADES EM QUE OS MEMBROS DOS ÓRGÃOS SOCIAIS EXERCEM CARGOS

OUTRAS SOCIEDADES EM QUE OS MEMBROS DOS ÓRGÃOS SOCIAIS EXERCEM CARGOS OUTRAS SOCIEDADES EM QUE OS MEMBROS DOS ÓRGÃOS SOCIAIS EXERCEM CARGOS Dr. Jã Manuel de Queved Pereira Cutinh Outrs cargs desempenhads em entidade d Grup Presidente d Cnselh de Administraçã SIVA Sciedade

Leia mais

PROGRAMA DE EMISSÃO DE OBRIGAÇÕES DE MÉDIO PRAZO ATÉ AO MONTANTE DE 200.000.000

PROGRAMA DE EMISSÃO DE OBRIGAÇÕES DE MÉDIO PRAZO ATÉ AO MONTANTE DE 200.000.000 Snae, SGPS, S.A. Sede n Lugar d Espid, Via Nrte, Apartad 1011, 4471-909 Maia Registada na Cnservatória d Regist Cmercial da Maia, cm númer de matrícula e de pessa cletiva 500 273 170 Capital Scial, integralmente

Leia mais

MODIFICAÇÕES AO ORÇAMENTO DA DESPESA

MODIFICAÇÕES AO ORÇAMENTO DA DESPESA ENTIDADE MDIFICAÇÕES A RÇAMENT DA Pagina: 1 TTAL DE ALTERAÇÕES : 5 MUNICIPI DE ESPINH TTAL DE REVISÕES : 1 D AN CNTABILISTIC DE 2007 IDENTIFICAÇÃ DAS RUBRICAS MDIFICAÇÕES RÇAMENTAIS 01 ASSEMBLEIA MUNICIPAL

Leia mais

OUTRAS SOCIEDADES EM QUE OS MEMBROS DOS ORGÃOS SOCIAIS EXERCEM CARGOS

OUTRAS SOCIEDADES EM QUE OS MEMBROS DOS ORGÃOS SOCIAIS EXERCEM CARGOS OUTRAS SOCIEDADES EM QUE OS MEMBROS DOS ORGÃOS SOCIAIS EXERCEM CARGOS MEMBROS DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO Dr. Jã Manuel de Queved Pereira Cutinh em Entidades Relacinadas SGC Investiments Sciedade Gestra

Leia mais

PADRÃO DE RESPOSTA. Pesquisador em Informações Geográficas e Estatísticas A I PROVA 3 FINANÇAS PÚBLICAS

PADRÃO DE RESPOSTA. Pesquisador em Informações Geográficas e Estatísticas A I PROVA 3 FINANÇAS PÚBLICAS Questã n 1 Cnheciments Específics O text dissertativ deve cmtemplar e desenvlver s aspects apresentads abaix. O papel d PPA é de instrument de planejament de médi/lng praz que visa à cntinuidade ds bjetivs

Leia mais

COFINA, SGPS, S.A. Sociedade Aberta

COFINA, SGPS, S.A. Sociedade Aberta COFINA, SGPS, S.A. Sociedade Aberta Sede: Rua do General Norton de Matos, 68, r/c Porto Pessoa Colectiva Número 502 293 225 Capital Social: 25.641.459 Euros Informação financeira do terceiro trimestre

Leia mais

Agenda: 2015 Sage Software, Inc. All rights reserved. 2/1/2016 3 2015 Sage Software, Inc. All rights reserved. 2/1/2016 5

Agenda: 2015 Sage Software, Inc. All rights reserved. 2/1/2016 3 2015 Sage Software, Inc. All rights reserved. 2/1/2016 5 Agenda: Event Sage AEBB Legislaçã inventári permanente (reduçã ds limites) Cnfigurações inventári permanente (ligaçã à CTB) O inventári a 31 de dezembr (imprtância d cntrl stcks, sage inventáris cntagem

Leia mais

Contabilidade financeira, contabilidade de gestão e contabilidade de custos

Contabilidade financeira, contabilidade de gestão e contabilidade de custos LEC205 Cntabilidade de Custs e de Gestã 1. Intrduçã à Cntabilidade de Custs e de Gestã Cntabilidade financeira, cntabilidade de gestã e cntabilidade de custs Cntabilidade financeira (CF) Cntabilidade de

Leia mais

Direitos e Obrigações no âmbito dos Acidentes Profissionais e Doenças Profissionais

Direitos e Obrigações no âmbito dos Acidentes Profissionais e Doenças Profissionais Cmunicaçã Direits e Obrigações n âmbit ds Acidentes Prfissinais e Denças Prfissinais Direits e Obrigações n âmbit ds Acidentes Prfissinais e Denças Prfissinais (Lei nº 98/2009 de 4 de Setembr) 1- QUEM

Leia mais

Membros do Conselho de Administração

Membros do Conselho de Administração OUTRAS SOCIEDADES EM QUE OS MEMBROS DOS ORGÃOS SOCIAIS EXERCEM CARGOS Membrs d Cnselh de Administraçã Dr. Jã Manuel de Queved Pereira Cutinh Outrs cargs desempenhads em entidade d Grup SAG Presidente d

Leia mais

Prospeto Informativo Montepio Consumer Brands - Maio 2015 Produto Financeiro Complexo

Prospeto Informativo Montepio Consumer Brands - Maio 2015 Produto Financeiro Complexo Prspet Infrmativ Mntepi Cnsumer Brands - Mai 2015 Prdut Financeir Cmplex Designaçã Mntepi Cnsumer Brands - Mai 2015 Classificaçã Prdut Financeir Cmplex Depósit Indexad O depósit Mntepi Cnsumer Brands -

Leia mais

COFINA, SGPS, S.A. Sociedade Aberta

COFINA, SGPS, S.A. Sociedade Aberta COFINA, SGPS, S.A. Sociedade Aberta Sede: Rua do General Norton de Matos, 68, r/c Porto Pessoa Colectiva Número 502 293 225 Capital Social: 25.641.459 Euros Informação financeira do exercício de 2014 (não

Leia mais

DÚVIDAS SOBRE OS BENEFÍCIOS ATRIBUÍDOS AOS ANTIGOS COMBATENTES?

DÚVIDAS SOBRE OS BENEFÍCIOS ATRIBUÍDOS AOS ANTIGOS COMBATENTES? DÚVIDAS SOBRE OS BENEFÍCIOS ATRIBUÍDOS AOS ANTIGOS COMBATENTES? ÂMBITO PESSOAL O regime jurídic d serviç militar prestad em cndições especiais de dificuldade u perig, aprvad pela Lei n.º 9/2002, de 11

Leia mais

Linha de Crédito PME CRESCIMENTO 2015 - Documento de divulgação - V.2

Linha de Crédito PME CRESCIMENTO 2015 - Documento de divulgação - V.2 Síntese ds terms e cndições da Linha de Crédit PME Cresciment 2015 ( presente dcument identifica as principais características da Linha de Crédit PME Cresciment 2015, detalhadas em prmenr n Anex III) A

Leia mais

Resultados Consolidados Nove Meses findos em 30 de Setembro de 2015

Resultados Consolidados Nove Meses findos em 30 de Setembro de 2015 SAG GEST Soluções Automóvel Globais, SGPS, SA Sociedade Aberta Estrada de Alfragide, nº 67, Amadora Capital Social: 169.764.398 Euros sob o número único de matrícula e de pessoa colectiva 503 219 886 COMUNICADO

Leia mais

Linha para Apoio à Revitalização Empresarial - Documento de divulgação - V.1

Linha para Apoio à Revitalização Empresarial - Documento de divulgação - V.1 Síntese ds terms e cndições da Linha de de Api à Revitalizaçã Empresarial ( presente dcument identifica as principais características da Linha de Api à Revitalizaçã Empresarial, detalhadas em prmenr n

Leia mais

Desempenho de Vendas 1º Trimestre/2015

Desempenho de Vendas 1º Trimestre/2015 Sã Paul, Brasil, 13 de abril de 2015 - O GPA [BM&FBOVESPA: PCAR4 (PN); NYSE: CBD] e Via Varej S.A. [BM&FBOVESPA:VVAR3 e VVAR11] anunciam desempenh das vendas d 1º trimestre de 2015. Desempenh de Vendas

Leia mais

CARAVELA - Companhia Seguros S.A.

CARAVELA - Companhia Seguros S.A. - Cmpanhia Segurs S.A. - Cmpanhia de Segurs SA (Relatóri e Cntas de 2014) ÍNDICE, - Q ORGAOS SOCIAIS... 3, - c::> RElATORIO DE GESTAO... 4 c:> POLÍTICA DE REMUNERAÇÃO DOS ÓRGÃOS SOCIAIS... 20 c:> DEMONSTRAÇÕES

Leia mais

EIXO 3 CONECTIVIDADE E ARTICULAÇÃO TERRITORIAL AVISO DE ABERTURA DE CONCURSO N.º 2

EIXO 3 CONECTIVIDADE E ARTICULAÇÃO TERRITORIAL AVISO DE ABERTURA DE CONCURSO N.º 2 EIXO 3 CONECTIVIDADE E ARTICULAÇÃO TERRITORIAL REGULAMENTO ESPECÍFICO: EQUIPAMENTOS PARA A COESÃO LOCAL AVISO DE ABERTURA DE CONCURSO N.º 2 Ns terms d regulament específic Equipaments para a Cesã Lcal,

Leia mais

O que é sucessão de responsabilidades?

O que é sucessão de responsabilidades? GLOSSÁRIO DO EMPREENDEDOR O que é capital inicial? É capital de gir necessári para iniciar as atividades de seu negóci e "rdar" as perações até cmeçar a gerar receita suficiente para equilibrar este capital.

Leia mais

Li, o. 1%,) o. r3 o. r-~) III I:( nuj. íp e

Li, o. 1%,) o. r3 o. r-~) III I:( nuj. íp e -I íp e a ti III nuj I:( r-~) a, 1%,) Li, a) r3 t çn CÂMARA MUNICIPAl. 22 ABF 2015 j ~i ~r 2 u Relatóri de Gestã e Cntas 2014 À Índice CAMARA MUNICIPAl. 22.ÀBE 2015 Relatóri de Gestã e Cntas 2014 ÍNDICE

Leia mais

Resumo Executivo - Funcionalidades 1 INTRODUÇÃO

Resumo Executivo - Funcionalidades 1 INTRODUÇÃO 1 INTRODUÇÃO A crescente cmplexidade ds prjets, a quantidade de infrmaçã que lhes está assciada e aument d númer de intervenientes n prcess cnstrutiv, transfrmaram a indústria da cnstruçã numa indústria

Leia mais

Linha de Crédito PME Exportações - Ficha Técnica -

Linha de Crédito PME Exportações - Ficha Técnica - Linha de Crédit PME Exprtações A Âmbit Cnsiderand cntext nacinal de restrições a crédit e cnjuntura interna adversa e, adicinalmente, desígni de prmver refrç da internacinalizaçã da ecnmia prtuguesa ns

Leia mais

Linha de Crédito PME CRESCIMENTO 2015 - Documento de divulgação - V.3

Linha de Crédito PME CRESCIMENTO 2015 - Documento de divulgação - V.3 Síntese ds terms e cndições da Linha de Crédit PME Cresciment 2015 ( presente dcument identifica as principais características da Linha de Crédit PME Cresciment 2015, detalhadas em prmenr n Anex III) A

Leia mais

ISO 9001:2008 alterações à versão de 2000

ISO 9001:2008 alterações à versão de 2000 ISO 9001:2008 alterações à versã de 2000 Já passaram quase it ans desde que a versã da ISO 9001 d an 2000 fi publicada, que cnduziu à necessidade de uma grande mudança para muitas rganizações, incluind

Leia mais

SI à Qualificação e Internacionalização de PME Projectos Individuais e de Cooperação Aviso nº 7/SI/2011

SI à Qualificação e Internacionalização de PME Projectos Individuais e de Cooperação Aviso nº 7/SI/2011 Objectiv Tiplgia SI à Qualificaçã e Internacinalizaçã de PME Prjects Individuais e de Cperaçã Avis nº 7/SI/2011 Prmçã da cmpetitividade das empresas através d aument da prdutividade, da flexibilidade e

Leia mais

Anexo 03 Recomendação nº 3: estatuto padrão, estatuto fundamental e contrato social

Anexo 03 Recomendação nº 3: estatuto padrão, estatuto fundamental e contrato social Anex 03 Recmendaçã nº 3: estatut padrã, estatut fundamental e cntrat scial 1. Resum 01 Atualmente, Estatut da Crpraçã da Internet para a atribuiçã de nmes e númers (ICANN) tem um mecanism únic para alterações.

Leia mais

CIRCULAR. Circular nº 17/DSDC/DEPEB/2007. Gestão do Currículo na Educação Pré-Escolar. Contributos para a sua Operacionalização

CIRCULAR. Circular nº 17/DSDC/DEPEB/2007. Gestão do Currículo na Educação Pré-Escolar. Contributos para a sua Operacionalização CIRCULAR Data: 2007/10/10 Númer d Prcess: DSDC/DEPEB/2007 Assunt: GESTÃO DO CURRÍCULO NA EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR Circular nº 17/DSDC/DEPEB/2007 Para: Inspecçã-Geral de Educaçã Direcções Reginais de Educaçã

Leia mais

Governação Corporativa e Mercado de Capitais

Governação Corporativa e Mercado de Capitais Gvernaçã Crprativa e Mercad de Capitais A Realidade Anglana Luanda, 4 de Dezembr de 2014 Cnferência da ABANC Assciaçã Anglana de Bancs Gvernaçã Crprativa A Realidade Anglana A Gvernaçã Crprativa diz respeit

Leia mais

OUTRAS SOCIEDADES EM QUE OS MEMBROS DOS ÓRGÃOS SOCIAIS EXERCEM CARGOS

OUTRAS SOCIEDADES EM QUE OS MEMBROS DOS ÓRGÃOS SOCIAIS EXERCEM CARGOS OUTRAS SOCIEDADES EM QUE OS MEMBROS DOS ÓRGÃOS SOCIAIS EXERCEM CARGOS Dr. Jã Manuel de Queved Pereira Cutinh Outr carg desempenhad em entidade d Grup Presidente d Cnselh de Administraçã LGA Lgística Autmóvel,

Leia mais

Resultados 4º Trimestre de de Fevereiro de 2017

Resultados 4º Trimestre de de Fevereiro de 2017 Resultads 4º Trimestre de 2016 24 de Fevereir de 2017 Resultads 4º Trimestre de 2016 24 de Fevereir de 2017 Faturament d segment Alimentar atinge R$ 45 bilhões em 2016, cresciment de 11,7%, acelerand para

Leia mais

Resultados financeiros do Grupo Michelin

Resultados financeiros do Grupo Michelin Resultads financeirs d Grup Michelin Infrmaçã financeira crrespndente a 30 de junh de 2015 INFORMAÇÃO DE IMPRENSA 28/07/2015 Primeir semestre de 2015: cresciment rbust e flux de caixa livre melhrad Receitas

Leia mais

Assessoria Urbanística para Implementação do Plano de Urbanização da Meia Praia

Assessoria Urbanística para Implementação do Plano de Urbanização da Meia Praia Excert Planta Plan de Urbanizaçã da Meia Praia - PUMP A área de intervençã d Plan de Urbanizaçã crrespnde a uma faixa da rla csteira d Barlavent Algarvi que se situa a Nascente da Cidade de Lags e se estende

Leia mais

Linha de Crédito PME CRESCIMENTO - Documento de divulgação -

Linha de Crédito PME CRESCIMENTO - Documento de divulgação - Síntese ds terms e cndições da Linha de Crédit PME Cresciment ( presente dcument identifica as principais características da Linha de Crédit PME Cresciment, detalhadas em prmenr n Anex III) A Cndições

Leia mais

MODIFICAÇÕES AO ORÇAMENTO DA DESPESA

MODIFICAÇÕES AO ORÇAMENTO DA DESPESA ENTIDADE MDIFICAÇÕES A RÇAMENT DA Pagina: 1 TTAL DE ALTERAÇÕES : 13 CMVC TTAL DE REVISÕES : 2 D AN CNTABILISTIC DE 2014 ATÉ À DATA : 2014/12/31 IDENTIFICAÇÃ DAS RUBRICAS MDIFICAÇÕES RÇAMENTAIS DTAÇÕES

Leia mais

INFORMAÇÃO TRIMESTRAL INDIVIDUAL (Não Auditada) Sede: R. GENERAL NORTON DE MATOS, 68, PORTO NIPC: 502 293 225

INFORMAÇÃO TRIMESTRAL INDIVIDUAL (Não Auditada) Sede: R. GENERAL NORTON DE MATOS, 68, PORTO NIPC: 502 293 225 INFORMAÇÃO TRIMESTRAL INDIVIDUAL (Não Auditada) Empresa: COFINA, SGPS, S.A. Sede: R. GENERAL NORTON DE MATOS, 68, PORTO NIPC: 502 293 225 Período de referência: Valores em Euros 1º Trimestre 3º Trimestre

Leia mais

DISCIPLINA: Matemática. MACEDO, Luiz Roberto de, CASTANHEIRA, Nelson Pereira, ROCHA, Alex. Tópicos de matemática aplicada. Curitiba: Ibpex, 2006.

DISCIPLINA: Matemática. MACEDO, Luiz Roberto de, CASTANHEIRA, Nelson Pereira, ROCHA, Alex. Tópicos de matemática aplicada. Curitiba: Ibpex, 2006. DISCIPLINA: Matemática 1- BIBLIOGRAFIA INDICADA Bibliteca Virtual Pearsn MACEDO, Luiz Rbert de, CASTANHEIRA, Nelsn Pereira, ROCHA, Alex. Tópics de matemática aplicada. Curitiba: Ibpex, 2006. PARKIN, Michael.

Leia mais

Processo/Instruções de Pagamento para Aplicação no Programa de Sustentabilidade de Pequenas Empresas

Processo/Instruções de Pagamento para Aplicação no Programa de Sustentabilidade de Pequenas Empresas Prcess/Instruções de Pagament para Aplicaçã n Prgrama de Sustentabilidade de Pequenas Empresas Requisits de Elegibilidade 1. A empresa deve estar lcalizada em znas de cnstruçã activa na Alum Rck Avenue

Leia mais

Manual de procedimentos do ESEIGlobal - Simulador Empresarial

Manual de procedimentos do ESEIGlobal - Simulador Empresarial ESEIGlbal 3ª Ediçã Manual de prcediments d ESEIGlbal - Simuladr Empresarial Nã existem restrições quant às ajudas técnicas que desejem utilizar, n entant, a partir da cnstituiçã da empresa, cada cnsulta

Leia mais

PLD (Preço de Liquidação das Diferenças)

PLD (Preço de Liquidação das Diferenças) 20 05 3 PLD (Preç de Liquidaçã das Diferenças) PLD - 4ª Semana de Mai de 203 (8.05.203 a 24.05.203) PLD médi PLD médi 2 R$/MWh Sudeste Sul Nrdeste Nrte Sudeste 34,58 344,32 Pesada 360,7 360,7 360,7 360,7

Leia mais

COFINA, S.G.P.S., S.A. Sociedade Aberta

COFINA, S.G.P.S., S.A. Sociedade Aberta COFINA, S.G.P.S., S.A. Sociedade Aberta Sede: Rua do General Norton de Matos, 68, r/c Porto Pessoa Colectiva Número 502 293 225 Capital Social: 25.641.459 Euros EVOLUÇÃO DA ACTIVIDADE NO ANO DE 2006 Após

Leia mais

Promover a obtenção de AIM (Autorização de Introdução no Mercado) no estrangeiro de medicamentos criados e desenvolvidos em Portugal.

Promover a obtenção de AIM (Autorização de Introdução no Mercado) no estrangeiro de medicamentos criados e desenvolvidos em Portugal. SIUPI SISTEMA DE INCENTIVOS À UTILIZAÇÃO DA PROPRIEDADE INDUSTRIAL FICHA DE MEDIDA Apia prjects que visem estimular investiment em factres dinâmics de cmpetitividade, assciads à invaçã tecnlógica, a design

Leia mais

AULA 3 GERENCIAMENTO DE CUSTOS E GESTÃO DE OPERAÇÕES PARA A QUALIDADE TOTAL. Prof. Glauce Almeida Figueira

AULA 3 GERENCIAMENTO DE CUSTOS E GESTÃO DE OPERAÇÕES PARA A QUALIDADE TOTAL. Prof. Glauce Almeida Figueira AULA 3 GERENCIAMENTO DE CUSTOS E GESTÃO DE OPERAÇÕES PARA A QUALIDADE TOTAL Prf. Glauce Almeida Figueira EMENTA AULA TÓPICOS 31/08 Intrduçã a Cntabilidade de Custs ; Terminlgia Cntábil; Tips de Custei;

Leia mais

www.highskills.pt geral@highskills.pt

www.highskills.pt geral@highskills.pt www.highskills.pt geral@highskills.pt Índice Designaçã d Curs... 2 Duraçã Ttal d Curs de Frmaçã... 2 Destinatáris... 2 Objetiv Geral... 2 Objetivs Específics... 2 Estrutura mdular e respectiva carga hrária...

Leia mais

REGULAMENTO CONCURSO DE IDEIAS OESTECIM A MINHA EMPRESA

REGULAMENTO CONCURSO DE IDEIAS OESTECIM A MINHA EMPRESA 1. Intrduçã e Objetivs a) O Cncurs de Ideias OESTECIM a minha empresa pretende ptenciar apareciment de prjets invadres na regiã d Oeste sempre numa perspetiva de desenvlviment ecnómic e scial. b) O Cncurs

Leia mais

Economia Financeira Internacional

Economia Financeira Internacional Ecnmia Financeira Internacinal Curs de Ecnmia, 3º an, 2001-2002 PADEF 11/07/2002 Parte A Sem cnsulta Duraçã: 1 hra 1. Cnsidere três praças financeiras, Lndres (L), Nva Irque (NY) e Paris (P), bem cm as

Leia mais

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015. Ensino Técnico

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015. Ensino Técnico PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015 Ensin Técnic Códig: 0262 ETEC ANHANGUERA Municípi: Santana de Parnaíba Cmpnente Curricular: Cntabilidade Cmercial Eix Tecnlógic: Gestã e Negócis Módul: II C.

Leia mais

A atuação do Síndico Profissional é a busca do pleno funcionamento do condomínio. Manuel Pereira

A atuação do Síndico Profissional é a busca do pleno funcionamento do condomínio. Manuel Pereira A atuaçã d Síndic Prfissinal é a busca d plen funcinament d cndmíni Manuel Pereira Missã e Atividades Habilidade - Cnhecems prfundamente a rtina ds cndmínis e seus prblemas administrativs. A atuaçã é feita

Leia mais

PM 3.5 Versão 2 PdC Versão 1

PM 3.5 Versão 2 PdC Versão 1 Prcediment de Cmercializaçã Cntrle de Alterações SAZONALIZAÇÃO DE CONTRATO INICIAL E DE ENERGIA ASSEGURADA PM 3.5 Versã 2 PdC Versã 1 Alterad Layut d dcument. Alterad term de Prcediment de Mercad para

Leia mais

CONCORRÊNCIA AA Nº 05/2009 BNDES ANEXO II PROJETO BÁSICO: JORNADA AGIR

CONCORRÊNCIA AA Nº 05/2009 BNDES ANEXO II PROJETO BÁSICO: JORNADA AGIR CONCORRÊNCIA AA Nº 05/2009 BNDES ANEXO II PROJETO BÁSICO: JORNADA AGIR 1. Históric da Jrnada AGIR Ns ambientes crprativs atuais, a adçã de um mdel de gestã integrada é uma decisã estratégica n api às tmadas

Leia mais

Orientações para as Candidaturas

Orientações para as Candidaturas Orientações para as Candidaturas Tiplgia de Intervençã 6.2 (Eix 6) Qualificaçã das Pessas cm Deficiências e Incapacidades. O presente dcument cntém rientações técnicas para efeits de candidatura as apis

Leia mais

Passo 1: Definição do tipo de crédito

Passo 1: Definição do tipo de crédito Manual Cm avaliar risc de crédit de um cliente Índice Intrduçã O que é risc de crédit? Pass 1: Definiçã d tip de crédit Pass 2: Cm elabrar uma ficha de crédit Pass 3: Métds para avaliar risc de crédit

Leia mais

Linha de Crédito Mezzanine Financing IFD 2015 - Documento de divulgação - V.1

Linha de Crédito Mezzanine Financing IFD 2015 - Documento de divulgação - V.1 Síntese ds terms e cndições da Linha de Crédit Mezzanine Financing IFD 2015 ( presente dcument identifica as principais características da Linha de Crédit Mezzanine Financing IFD 2015, detalhadas em prmenr

Leia mais

FATO RELEVANTE Volumes e Prévia de Resultados do 3T15

FATO RELEVANTE Volumes e Prévia de Resultados do 3T15 Lg-In Lgística Intermdal S.A. CNPJ n 42.278.291/0001-24 - NIRE n 3.330.026.074-9 - Cmpanhia Aberta FATO RELEVANTE Vlumes e Prévia de Resultads d 3T15 Ri de Janeir, 27 de utubr de 2015 - A Lg-In Lgística

Leia mais

INFORMAÇÃO GAI. Apoios às empresas pela contratação de trabalhadores

INFORMAÇÃO GAI. Apoios às empresas pela contratação de trabalhadores INFORMAÇÃO GAI Apis às empresas pela cntrataçã de trabalhadres N âmbit das plíticas de empreg, Gvern tem vind a criar algumas medidas de api às empresas pela cntrataçã de trabalhadres, n entant tem-se

Leia mais

O desafio da regulação econômico-financeira dos operadores públicos de serviços de saneamento básico no Brasil: primeiras experiências

O desafio da regulação econômico-financeira dos operadores públicos de serviços de saneamento básico no Brasil: primeiras experiências O desafi da regulaçã ecnômic-financeira ds peradres públics de serviçs de saneament básic n Brasil: primeiras experiências Karla Bertcc Trindade VI Fr Iber American de Regulación 11/11/2013 - Mntevide,

Leia mais

Banco Industrial do Brasil S.A. Gerenciamento de Capital

Banco Industrial do Brasil S.A. Gerenciamento de Capital Banc Industrial d Brasil S.A. Gerenciament de Capital 2014 1 Sumári 1. INTRODUÇÃO... 3 2. OBJETIVO... 3 3. ESTRUTURA DE GERENCIAMENTO DE CAPITAL... 4 4. PLANO DE CAPITAL... 5 5. RESPONSABILIDADES... 6

Leia mais

MENSAGEM DA DIRETORIA

MENSAGEM DA DIRETORIA Ns terms das dispsições legais e estatutárias, a Administraçã da Hypermarcas S.A. ( Cmpanhia u Hypermarcas ) submete à apreciaçã de seus Acinistas Relatóri da Administraçã e as Demnstrações Cntábeis da

Leia mais

Software Utilizado pela Contabilidade: Datasul EMS 505. itens a serem inventariados com o seu correspondente registro contábil;

Software Utilizado pela Contabilidade: Datasul EMS 505. itens a serem inventariados com o seu correspondente registro contábil; TERMO DE REFERÊNCIA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS ESPECIALIZADOS DE ANÁLISE DA REDUÇÃO AO VALOR RECUPERÁVEL DE ATIVO PARA CÁLCULOS DO VALOR DO IMPAIRMENT E VIDA ÚTIL RESIDUAL, EM CONFORMIDADE COM O DISPOSTO

Leia mais

Comércio Investe. Período de Candidaturas de 13/02/2015 a 27/03/2015

Comércio Investe. Período de Candidaturas de 13/02/2015 a 27/03/2015 Cmérci Investe Períd de Candidaturas de 13/02/2015 a 27/03/2015 Investiment mínim de 15.000,00 Incentiv 40% fund perdid (limite máxim 35.000,00 ) Decisã da candidatura: 22 de julh de 2015 Abertas nvas

Leia mais