DOI: Claudiane Weber

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DOI: Claudiane Weber"

Transcrição

1 DOI: sistema de identificação numérico para conteúdo digital Claudiane Weber Bibliotecária UDESSM CRB 14/1272

2 DOI conceito

3 O que é o DOI? 3 "Digital Object Identifier", significando um "identificador digital de um objeto". Uma sintaxe DOI é um identificador (não um local) de uma entidade em redes digitais. Pode ser usado para identificar tanto os objetos digitais ou não digitais. Acesso Persistente. Embora as informações sobre um objeto podem mudar ao longo do tempo, sua sintaxe DOI não vai mudar: URL, um endereço de , outros identificadores e metadados descritivos.

4 O que é o DOI? 4 Oferece infraestrutura de forma a ligar os usuários aos conteúdos acadêmicos dispostos pelos editores gerenciando a comunicação entre estes e os seus clientes. Aplicado a qualquer forma de propriedade intelectual publicada em meio digital, envolvendo comércio ou não. Como periódicos, artigos, livros, capítulos de livros, imagens, anais de congressos.

5 O que é o DOI? 5 O sistema DOI tem sido trabalhado para uma aplicação prática da idéia de repensar a Internet como gestão da informação, e não o movimento de pacotes de dados. Alcance internacional. Cerca de 60 milhões atribuições, até o momento. ISO (International Organization for Standardization), de 2012

6 Infraestrutura 6 A International DOI Foundation (IDF) foi criada em 1998 e suporta as necessidades da comunidade de propriedade intelectual no ambiente digital, através do desenvolvimento e promoção do sistema Digital Object Identifier como uma infra-estrutura comum de gerenciamento de conteúdo. O IDF rege o Sistema DOI, para garantir que todos os pedidos sigam regras comuns.

7 Quem usa o DOI 7 Os quatro principais tipos de usuários de sintaxes DOI são: 1. Editores; 2. Agências/afiliadas (incluindo agentes e plataformas de hospedagem de revistas). Mais de 3mil editoras consorciadas; 3. Bibliotecas; 4. Pesquisadores individuais.

8 8 O DOI e os benefícios O CNPq usa o DOI como uma forma de certificação digital da produção científica através das informações fornecidas pelos pesquisadores em seus currículos Lattes. Para periódicos científicos eletrônicos, informa a localização de seus artigos, evitando a perda de informação causada por alterações técnicas de sites, servidores, etc. O fato de ser uma identificação segura e confiável, permite a possibilidade de articulação entre os serviços de provedores em diferentes níveis: título do artigo, resumo, referências e citações.

9 9 O DOI e os benefícios Saiba o que você tem usuários capazes de olhar para catálogos de conteúdo disponível em toda a empresa; Encontre o que você quer usuários capazes de pesquisar e procurar o conteúdo a ser utilizado; Saber onde ele existe capaz de ver onde o item existe dentro da organização; Ser capaz de obtê-lo usuários e ferramentas de produção capazes de recuperar o conteúdo.

10 Taxas 10

11 Taxas 11

12 DOI requisitos e responsabilidades

13

14 14 Agência de Registro do DOI Para ter o DOI em seu periódico é necessário uma agência que regulamente o registro. a CrossRef - - é a principal agência de registro da International DOI Foundation (IDF).

15 15 Agência de Registro do DOI Para aderir à iniciativa A instituição receberá um contrato de adesão. E, se de acordo, a agência emitirá um PREFIXO.

16 16 Sintaxe do DOI Prefixo e um sufixo / código alfanumérico

17 Sintaxe do DOI 17 para periódico: / prefixo ISSN do periódico

18 Sintaxe do DOI 18 para artigo ex. 1: / v15n30p1 prefixo ISSN do periódico volume número pag. inicial do artigo

19 Sintaxe do DOI 19 para artigo ex. 2: / rete rete.v25i prefixo Abreviatura titulo volume número número código gerado pelo SEER

20 Atribuições do DOI 20 Afiliados à CrossRef, e já com o PREFIXO, iniciam-se os trabalhos de estruturação dos SUFIXOS no SEER.

21 DOI configurando o OJS/SEER

22 22 Entre com seu login e senha no periódico

23 23 acesse como Editor Gerente

24 24 dentro de Configuração faremos a inserção do Prefixo e a configuração do Sufixo

25 25 Passo 1 Detalhes

26 26 PREFIXO,, que é fornecido pela CrossRef aqui faremos a programação do SUFIXO

27 27 Selecionando a 1ª. opção você poderá adaptar uma sequencia de SUFIXO, usando os parâmetros dados. Exemplo digitando %j %p na caixa, o sufixo resultará nas iniciais da revista rete e as páginas iniciais e finais do artigo13-45 Lembrando que estes dados sempre deverão estar preenchidos no SEER

28 28 Com o exemplo dado anteriormente, veja como fica a sequencia DOI dentro do XML. Observe que o SUFIXO, está com a abreviatura da revista, rete e as páginas deste artigo, conforme informado no SUMÁRIO, ou seja, E assim, poderemos montar diversas sequencias.

29 Se você não gostou desta sequencia de SUFIXO, poderá alterá-la. la. Para isso deverá apertar o botão Designar DOIs novamente. 29 Vá até o final da página clique em SALVAR e repita este procedimento de Designar DOIs novamente. Isso mesmo, por algum erro na plataforma, ás vezes é necessário fazer 2 a 3 vezes este procedimento

30 30 Se você optar por incluir o ISSN do periódico no SUFIXO ele deverá ser incluído neste local. E depois inclua os demais itens que desejar.

31 Se você não gostou desta sequencia de SUFIXO, poderá alterá-la. la. Para isso deverá apertar o botão Designar DOIs novamente. 31 Vá até o final da página clique em SALVAR e repita este procedimento de Designar DOIs novamente. Isso mesmo, por algum erro na plataforma, ás vezes é necessário fazer 2 a 3 vezes este procedimento

32 32 Selecionando a 2ª. opção, o SUFIXO já vem padronizado. Ele terá a abreviatura da revista, volume, edição e código do sistema. Veja como ficará este DOI na tela seguinte.

33 33 Com o exemplo dado anteriormente, veja como fica a sequencia DOI dentro do XML. Observe que o SUFIXO, está com a abreviatura da revista, volume, edição e código do sistema.

34 34 A opção 3 é mais trabalhosa, pois exige o preenchimento dos campos ID, mas é totalmente flexivel. Deve-se habilitar os campos no passo 4. Veja como ficará este DOI nas telas seguintes. Vá até o final da tela e aperte SALVAR, depois vá para o PASSO 4 ADMINISTRAÇÃO

35 35 A opção 3 é mais trabalhosa, pois exige o preenchimento dos campos ID, mas é totalmente flexivel. Deve-se habilitar os campos no passo 4. Veja como ficará este DOI nas telas seguintes. Vá até o final da tela e aperte SALVAR, depois vá para o PASSO 4 ADMINISTRAÇÃO

36 ESTAMOS AQUI WEBER, Claudiane, 2012

37 37 Habilite estes 4 campos. Vá até o final da tela e dê um Salvar

38 Como optamos pelo campo 3 - IDs personalizados, deve-se sair do papel de Editor Gerente e acessar como Editor.. Vá até Edições,, e clique sobre a edição desejada, se edições futuras ou edições anteriores.

39 39 Aberta a Edição que se deseja atribuir o DOI, inclua neste campo o SUFIXO,, depois vá até o final da tela e dê um Salvar

40 Importante 40 Indiferente da sequencia de SUFIXO selecionada no SEER (no campo 1.1), é obrigatório o preenchimento do campo 1.5, dentro de configuração.. Veja próxima tela.

41 41 Aqui deverá constar o nome da instituição que fez o contrato com a CrossRef. Para evitar erros no campo registrant do XML. Sem este preenchimento a submissão não ocorrerá

42 42 Após a definição do SUFIXO iremos exportar os metadados em XML.

43 43 Esteja com o papel de Editor Gerente e vá até Importar/Exportar dados

44 Exportação CrossRef em XML

45 Exportar edições

46 Selecione uma das edições que deseja exportar. E aperte o botão Exportar

47

48 Este é um exemplo de XML da edição que estamos trabalhando.

49 páginas iniciais e finais do artigo Observe o DOI e a sequencia deste SUFIXO. Composto pela abreviatura e páginas iniciais e finais do artigo

50 com os metadados em XML salvos, numa pasta em seu computador, iremos enviá-los para CrossRef.

51 Envio dos metadados 51 para a 2 formas: a) webdeposit ou b) envio do xml

52 Importante 52 Sempre que você for atribuir um DOI para um periódico pela 1ª. vez,, sempre deverá ser feito via formulário on- line do webdeposit. Assim você estará informando os dados do periódico e não dos artigos somente. Acesse o site da CrossRef ://www.crossref.org Web deposit form

53 a) envio metadados - webdeposit 53 site da CrossRef ou no link direto ://www.crossref.org/webdeposit

54 a) envio metadados - webdeposit 54 Preencha os campos do formulário tirando os dados do XML exportado da edição

55 55 opção 2 envio direto

56 b) envio metadados - XML 56 Acesse: entre com os dados

57 b) envio metadados - XML 57 Opção UPLOAD Escolher o arquivo XML que foi exportado Faremos a submissão do xml

58 b) envio metadados - XML 58 Opção para verificar o andamento da submissão

59 Opção Administration 59 Escolher o período que os XMLs foram exportados Efetuar uma varredura para verificar se houve algum erro ou conflito nos XMLs submetidos

60 Políticas do DOI 60 > Definição da Política DOI para o Portal de Periódicos UFSC * Objetivos; * Equipe; * Aumento da qualidade dos metadados.

61 61 Sugestão de inclusão no PDF/A em local visível

62 Sugestão do DOI nas referências 62 SAYÃO, Luís Fernando. Uma outra face dos metadados: informações para a gestão da preservação digital. Enc. Bibli, Florianópolis, v.15, n.30, p.1-35, ://dx.doi.org/ / dx.doi.org/ / v15n30p1

63 63 DOI no Currículo Lattes

64 ainda para editores Use o DOI para impulsionar as vendas de livros. Se eles são publicados em formato impresso ou apenas digitalizadas, se registrado com um CrossRef DOI que aponta para as plataformas das livrarias participantes. Vincular seus e-books. CrossRef facilita ligação interna de componentes e referências, bem como proporcionar hiperlinks duráveis de citações de qualquer outro material de editores participantes.

65 ainda para editores CrossRef e o serviço de registro em rede. Com suas publicações registradas na base de dados CrossRef - mais de 4500 organizações participantes, editores, bancos de dados, agregadores e bibliotecas capacidade de ligar ao seu conteúdo.

66 ainda para editores... 66

67 desafio Ainda não temos, no Brasil, um modelo de négocios para usar todas as funcionalidade que o DOI permite.

68 Créditos 68 Estudos e aplicação do DOI em periódicos Claudiane Weber Biblioteca UDESSM - UFSM Skype: claudianeweber Material elaborado por Claudiane Weber

DOI - Digital Object Identifier

DOI - Digital Object Identifier DOI - Digital Object Identifier conceito, requisitos e responsabilidades dos editores Claudiane Weber Bibliotecária BU/UFSC DOI conceito WEBER, Claudiane (2012) O que é o DOI? 3 "Digital Object Identifier",

Leia mais

Identificador de Objetos Digitais: DOI

Identificador de Objetos Digitais: DOI Identificador de Objetos Digitais: DOI Claudiane Weber Professora Universitária Bibliotecária de Referência Editora http://sinuec.webnode.com Identificadores persistentes "Digital Object Identifier", significa

Leia mais

Portal de Revistas Eletrônicas da UCB: Publicação Simplificada (SEER Versão 2.2)

Portal de Revistas Eletrônicas da UCB: Publicação Simplificada (SEER Versão 2.2) Portal de Revistas Eletrônicas da UCB: Publicação Simplificada (SEER Versão 2.2) Elaborado pela equipe do NSE: Cristiani Mendes Sonia Boeres Sumário 1. Configuração da Revista... 3 2. Submissão (Autor)...

Leia mais

Passo-a-Passo Curso do Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas para Editor-Gerente

Passo-a-Passo Curso do Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas para Editor-Gerente Passo-a-Passo Curso do Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas para Editor-Gerente Versão do OJS/SEER 2.3.4 Universidade Federal de Goiás Sistema de Bibliotecas da UFG (SiBi) Gerência de Informação

Leia mais

Sistema de Controle de Cheques GOLD

Sistema de Controle de Cheques GOLD Sistema de Controle de Cheques GOLD Cheques GOLD é um sistema para controlar cheques de clientes, terceiros ou emitidos. Não há limitações quanto as funcionalidades do programa, porém pode ser testado

Leia mais

Manual da Administração do site Abrasel 2.0

Manual da Administração do site Abrasel 2.0 Manual da Administração do site Abrasel 2.0 Caro usuário, Você está recebendo o manual que lhe dará acesso ao administrador do site 2.0 onde será possível fazer as seguintes alterações: Inserir notícias

Leia mais

Portal Contador Parceiro

Portal Contador Parceiro Portal Contador Parceiro Manual do Usuário Produzido por: Informática Educativa 1. Portal Contador Parceiro... 03 2. Acesso ao Portal... 04 3. Profissionais...11 4. Restrito...16 4.1 Perfil... 18 4.2 Artigos...

Leia mais

Livro Caixa. www.controlenanet.com.br. Copyright 2015 - ControleNaNet

Livro Caixa. www.controlenanet.com.br. Copyright 2015 - ControleNaNet www.controlenanet.com.br Copyright 2015 - ControleNaNet Conteúdo Tela Principal... 3 Como imprimir?... 4 As Listagens nas Telas... 7 Clientes... 8 Consulta... 9 Inclusão... 11 Alteração... 13 Exclusão...

Leia mais

Manual de Construção de Vitrine Virtual

Manual de Construção de Vitrine Virtual Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior - MDIC Ministério das Relações Exteriores MRE Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento - MAPA Manual de Construção de Vitrine Virtual

Leia mais

Atualização 2014. Universidade Federal do Paraná Sistema de Bibliotecas Biblioteca de Ciências da Saúde

Atualização 2014. Universidade Federal do Paraná Sistema de Bibliotecas Biblioteca de Ciências da Saúde MANUAL DO CURRÍCULO LATTES Atualização 2014 Universidade Federal do Paraná Sistema de Bibliotecas Biblioteca de Ciências da Saúde 1 Equipe: Este tutorial faz parte da programação de treinamentos da Biblioteca

Leia mais

Módulo NF-e. Manual de Utilização

Módulo NF-e. Manual de Utilização Módulo NF-e Manual de Utilização 1 Conteúdo Passo-a-passo para emissão de NF-e... 3 1. Obtendo seu Certificado Digital... 3 2. Registrando-se na Secretaria da Fazenda para Homologação (testes)... 4 3.

Leia mais

Guia Rápido de Uso. Aqui seguem os tópicos tratados nesse guia, para que você aprenda a usar o Sistema HOT SMS. SUMÁRIO

Guia Rápido de Uso. Aqui seguem os tópicos tratados nesse guia, para que você aprenda a usar o Sistema HOT SMS. SUMÁRIO 1 Guia Rápido de Uso Aqui seguem os tópicos tratados nesse guia, para que você aprenda a usar o Sistema HOT SMS. SUMÁRIO 1 Acesso ao sistema...3 2 Entenda o Menu...4 3 Como enviar torpedos...6 3.1 Envio

Leia mais

Manual de baixa do Certificado Digital AR SOLUTI. Versão 2.0 de 7 de Maio de 2014. Classificação: Ostensiva

Manual de baixa do Certificado Digital AR SOLUTI. Versão 2.0 de 7 de Maio de 2014. Classificação: Ostensiva Catalogação do Documento Titulo Classificação Versão 2.0 de 7 de Maio de 2014 Autor Raphael Reis Aprovador Bruno Barros Número de páginas 57 Página 2 de 57 Sumário 1 Sistema operacional compatível para

Leia mais

Omega Tecnologia Manual Omega Hosting

Omega Tecnologia Manual Omega Hosting Omega Tecnologia Manual Omega Hosting 1 2 Índice Sobre o Omega Hosting... 3 1 Primeiro Acesso... 4 2 Tela Inicial...5 2.1 Área de menu... 5 2.2 Área de navegação... 7 3 Itens do painel de Controle... 8

Leia mais

STK (Start Kit DARUMA)

STK (Start Kit DARUMA) STK (Start Kit DARUMA) Configurando Ambiente de Homologação SEFAZ. Você já esta com o sistema pronto? Já fez os testes no ambiente Simula? Agora você esta preparado para começar a fazer os testes em ambiente

Leia mais

e-ouv Passo-a-passo Sistema de Ouvidorias do Poder Executivo Federal Junho, 2015 Controladoria-Geral da União

e-ouv Passo-a-passo Sistema de Ouvidorias do Poder Executivo Federal Junho, 2015 Controladoria-Geral da União e-ouv Passo-a-passo Sistema de Ouvidorias do Poder Executivo Federal Junho, 2015 Sumário 1. Acesso ao sistema... 3 2. Funcionalidades do sistema... 5 3. Como tratar manifestações... 14 3.1 Detalhar...

Leia mais

Guia Prático do Usuário Sistema e-commerce e Portal

Guia Prático do Usuário Sistema e-commerce e Portal Guia Prático do Usuário Sistema e-commerce e Portal 29/11/2012 Índice ÍNDICE... 2 1. APRESENTAÇÃO... 3 2. O QUE É E-COMMERCE?... 4 3. LOJA FOCCO... 4 4. COMPRA... 13 5. E-MAILS DE CONFIRMAÇÃO... 14 6.

Leia mais

P á g i n a 1. SISCOAF Sistema de Controle de Atividades Financeiras. Manual Operacional

P á g i n a 1. SISCOAF Sistema de Controle de Atividades Financeiras. Manual Operacional P á g i n a 1 SISCOAF Sistema de Controle de Atividades Financeiras Manual Operacional P á g i n a 2 1 SUMÁRIO 2 Orientações gerais... 3 2.1 Perfis de acesso... 4 2.2 Para acessar todas as funcionalidades

Leia mais

e-nota G Módulo de Guarda da Nota Fiscal eletrônica

e-nota G Módulo de Guarda da Nota Fiscal eletrônica Página1 e-nota G Módulo de Guarda da Nota Fiscal eletrônica Manual do Usuário Produzido por: Informática Educativa Página2 Índice 1. Safeweb e-nota G... 03 2. O que é NF-e?... 04 3. O que é CT-e?... 05

Leia mais

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços.

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. 1 Apresentação: O Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços ou SIG-ISS é um sistema para gerenciamento do Imposto sobre

Leia mais

SophiA Biblioteca - Treinamento Cadastro de Usuários

SophiA Biblioteca - Treinamento Cadastro de Usuários SophiA Biblioteca - Treinamento Cadastro de Usuários Para realizar um cadastro de usuário, clique na aba USUÁRIOS e em seguida no botão. Aba Dados Nome: cadastro do nome do novo usuário. Código: É possível

Leia mais

VIAÇÃO SÃO BENTO LTDA.

VIAÇÃO SÃO BENTO LTDA. VIAÇÃO SÃO BENTO LTDA. SISTEMA AUTOMÁTICO DE BILHETAGEM ELETRÔNICA MANUAL DO VTWEB CLIENT CADASTROS /PEDIDOS E PROCEDIMENTOS Resumo Esse manual tem como o seu objetivo principal a orientação de uso do

Leia mais

P á g i n a 1. SISCOAF Sistema de Controle de Atividades Financeiras. Manual Operacional

P á g i n a 1. SISCOAF Sistema de Controle de Atividades Financeiras. Manual Operacional P á g i n a 1 SISCOAF Sistema de Controle de Atividades Financeiras Manual Operacional P á g i n a 2 SUMÁRIO 1 Orientações gerais... 4 1.1 O que são Pessoas Obrigadas?... 4 1.2 Perfis de acesso... 4 1.3

Leia mais

Como submeter um artigo na Scientia Plena. Elaborado em outubro de 2012

Como submeter um artigo na Scientia Plena. Elaborado em outubro de 2012 Como submeter um artigo na Scientia Plena Elaborado em outubro de 2012 1 Página com as orientações http://www.scientiaplena.org.br/ojs/index.php/sp/about/submissions#onlinesubmissions Leia com atenção

Leia mais

INSTRUMENTO NORMATIVO 004 IN004

INSTRUMENTO NORMATIVO 004 IN004 1. Objetivo Definir um conjunto de critérios e procedimentos para o uso do Portal Eletrônico de Turismo da Região disponibilizado pela Mauatur na Internet. Aplica-se a todos os associados, empregados,

Leia mais

MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB

MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB 0 Sumário Introdução... 2 Funcionalidades... 2 Requisitos Necessários... 2 Faturamento Web... 3 Faturamento Simplificado... 4 Faturamento Detalhado... 9 Faturamento

Leia mais

CEP - COMITÊ DE ÉTICA EM PESQUISA DA FACIMED PLATAFORMA BRASIL SUBMISSÃO DE PROJETO

CEP - COMITÊ DE ÉTICA EM PESQUISA DA FACIMED PLATAFORMA BRASIL SUBMISSÃO DE PROJETO CEP - COMITÊ DE ÉTICA EM PESQUISA DA FACIMED PLATAFORMA BRASIL SUBMISSÃO DE PROJETO 1 - Acessar a URL www.saude.gov.br/plataformabrasil 2 - Se usuário novo, acessar o link , localizado na

Leia mais

O GEM é um software 100% Web, ou seja, você poderá acessar de qualquer local através da Internet.

O GEM é um software 100% Web, ou seja, você poderá acessar de qualquer local através da Internet. Olá! Você está recebendo as informações iniciais para utilizar o GEM (Software para Gestão Educacional) para gerenciar suas unidades escolares. O GEM é um software 100% Web, ou seja, você poderá acessar

Leia mais

SISTEMA COOL 2.0V. (Certificado de Origen On Line) MANUAL DO USUÁRIO

SISTEMA COOL 2.0V. (Certificado de Origen On Line) MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA COOL 2.0V (Certificado de Origen On Line) MANUAL DO USUÁRIO ÍNDICE Pré-requisitos para utilização do sistema....2 Parte I Navegador...2 Parte II Instalação do Interpretador de PDF...2 Parte III

Leia mais

Como funciona o site treinamento técnico ON-LINE?

Como funciona o site treinamento técnico ON-LINE? Manual do Usuário INSTRUÇÕES PARA UTILIZAÇÃO DO TREINAMENTO ON LINE A ATIC Tecnologia do Brasil Ltda. com o objetivo de atender aos seus diversos clientes, oferece treinamentos EAD - Educação a Distância

Leia mais

MANUAL DE ORIENTAÇÕES GERAIS ARQUIVO XML

MANUAL DE ORIENTAÇÕES GERAIS ARQUIVO XML MANUAL DE ORIENTAÇÕES GERAIS ARQUIVO XML DIGITAÇÃO DE GUIAS PARA ENVIO ELETRÔNICO VIA WEB RECIFE - 2015 1 1. ACESSANDO O PORTAL TISS Para acessar o Portal TISS Digitação, o credenciado deverá acessar o

Leia mais

Instalando o WordPress em localhost

Instalando o WordPress em localhost Instalando o WordPress em localhost WordPress sem Mistério LEE ARAUJO htto://wordpresssemmisterio.com.br Sumário Instalando o WordPress em Localhost... 2 O Servidor web... 3 Iniciando o servidor... 6 Criação

Leia mais

MANUAL DO ANIMAIL 1.0.0.1142 Terti Software

MANUAL DO ANIMAIL 1.0.0.1142 Terti Software O Animail é um software para criar campanhas de envio de email (email Marketing). Você pode criar diversas campanhas para públicos diferenciados. Tela Principal do sistema Para melhor apresentar o sistema,

Leia mais

Manual de Utilização do GLPI

Manual de Utilização do GLPI Manual de Utilização do GLPI Perfil Usuário Versão 1.0 NTI Campus Muzambinho 1 Introdução Prezado servidor, o GLPI é um sistema de Service Desk composto por um conjunto de serviços para a administração

Leia mais

e-nota G Módulo de Guarda da Nota Fiscal eletrônica

e-nota G Módulo de Guarda da Nota Fiscal eletrônica Página1 e-nota G Módulo de Guarda da Nota Fiscal eletrônica Manual do Usuário Produzido por: Informática Educativa Página2 Índice 1. Safeweb e-nota G... 03 2. O que é XML... 04 3. Acesso e-nota G... 05

Leia mais

Manual de publicação de conteúdos no Joomla - Pós-Graduação

Manual de publicação de conteúdos no Joomla - Pós-Graduação Universidade Estadual do Oeste do Paraná Núcleo de Tecnologia da Informação (NTI) Divisão de Desenvolvimento/Sistemas Web Manual de publicação de conteúdos no Joomla da Unioeste Como incluir conteúdo na

Leia mais

MONTAGEM DE PROCESSO VIRTUAL

MONTAGEM DE PROCESSO VIRTUAL Manual de Procedimentos - SISPREV WEB MONTAGEM DE PROCESSO VIRTUAL 1/15 O treinamento com o Manual de Procedimentos É com muita satisfação que a Agenda Assessoria prepara este manual para você que trabalha

Leia mais

Acompanhamento e Execução de Projetos

Acompanhamento e Execução de Projetos Acompanhamento e Execução de Projetos Manual do Usuário Atualizado em: 28/11/2013 Página 1/24 Sumário 1. INTRODUÇÃO... 3 2. ABRANGÊNCIA DO SISTEMA... 3 3. DESCRIÇÃO DO SISTEMA... 3 4. COMO ACESSAR O SISTEMA...

Leia mais

Manual de instrução Gerenciador de Certificados Digitais

Manual de instrução Gerenciador de Certificados Digitais Manual de instrução Gerenciador de Certificados Digitais Proibida a reprodução total ou parcial. Todos os direitos reservados 1 SUMÁRIO CONFIGURAÇÕES DO SISTEMA... 3 INSTALAÇÃO DO GERENCIADOR DE CERTIFICADOS

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS DA INFORMAÇÃO INCUBADORA DE PERIÓDICOS

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS DA INFORMAÇÃO INCUBADORA DE PERIÓDICOS UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS DA INFORMAÇÃO INCUBADORA DE PERIÓDICOS Processo editorial SEER : versão 2.3.8.0 Florianópolis, 2013 Daniela

Leia mais

Manual do usuário. v1.0

Manual do usuário. v1.0 Manual do usuário v1.0 1 Iniciando com o Vivo Gestão 1. como fazer login a. 1º acesso b. como recuperar a senha c. escolher uma conta ou grupo (hierarquia de contas) 2. como consultar... de uma linha a.

Leia mais

Roteiro de Instalação da NF-e no Sistema CalcExpress S U M À R I O

Roteiro de Instalação da NF-e no Sistema CalcExpress S U M À R I O Roteiro de Instalação da NF-e no Sistema CalcExpress S U M À R I O Instalação da Aplicação Java...2 Instalação do Emissor...5 Instalação do Framework...7 Instalação das DLL s URL, SCHEMAS, CADEIA DE CERTIFICADO

Leia mais

PORTAL EMPRESA SIMPLES Registro e Licenciamento de Empresas MANUAL RLE. Baixa Simplificada de Empresas

PORTAL EMPRESA SIMPLES Registro e Licenciamento de Empresas MANUAL RLE. Baixa Simplificada de Empresas PORTAL EMPRESA SIMPLES Registro e Licenciamento de Empresas MANUAL RLE Baixa Simplificada de Empresas 2 Sumário 1 Como preparar o computador para uso do certificado digital...04 2 Primeiro Acesso: Cadastro

Leia mais

Manual SAGe Versão 1.2

Manual SAGe Versão 1.2 Manual SAGe Versão 1.2 Cadastramento de Usuário (a partir da versão 12.08.01 ) Conteúdo Introdução... 2 Cadastramento... 2 Desvendando a tela inicial... 4 Completando seus dados cadastrais... 5 Não lembro

Leia mais

e-nota NFS-e Sistema de Geração e Emissão de Nota Fiscal de Serviço eletrônica

e-nota NFS-e Sistema de Geração e Emissão de Nota Fiscal de Serviço eletrônica Página1 e-nota NFS-e Sistema de Geração e Emissão de Nota Fiscal de Serviço eletrônica Manual do Usuário Produzido por: Informática Educativa Página2 Índice 1. O que é Nota Fiscal de Serviço eletrônica

Leia mais

GERENCIADOR ELETRÔNICO

GERENCIADOR ELETRÔNICO MANUAL DO USUÁRIO GERENCIADOR ELETRÔNICO DE DOCUMENTOS Sumário Menu Arquivos Empresas Usuárias... 04 Ativar Empresas... 04 Cadastro (Assunto/Documento)... 05 Sair... 07 Menu Digitalização Normal... 08

Leia mais

NewAgent enterprise-brain

NewAgent enterprise-brain Manual NewAgent enterprise-brain Configuração Manual NewAgent enterprise-brain Configuração Este manual de uso irá ajudá-lo na utilização de todas as funções administrativas que a NewAgent possui e assim,

Leia mais

A área de trabalho é o espaço reservado para as telas de preenchimento do Sistema e contém os seguintes elementos:

A área de trabalho é o espaço reservado para as telas de preenchimento do Sistema e contém os seguintes elementos: Mudanças do Currículo Lattes Conheça a interface A área de trabalho é o espaço reservado para as telas de preenchimento do Sistema e contém os seguintes elementos: 1.Barra de Ferramentas: Contém utilidades

Leia mais

MANUAL PARA UTILIZAÇÃO DO MOODLE FACULDADE INTERAÇÃO AMERICANA VIRTUAL - Versão: Aluno

MANUAL PARA UTILIZAÇÃO DO MOODLE FACULDADE INTERAÇÃO AMERICANA VIRTUAL - Versão: Aluno 1 MANUAL PARA UTILIZAÇÃO DO MOODLE FACULDADE INTERAÇÃO AMERICANA VIRTUAL - Versão: Aluno Acessando o sistema 1- Para acessar a Faculdade Interação Americana Virtual digite o seguinte endereço: http://ead.fia.edu.br/

Leia mais

Perguntas e Respostas NOVO SITE PEDIDOSONLINE HERBALIFE NO MYHERBALIFE.COM.BR BRASIL, 2013.

Perguntas e Respostas NOVO SITE PEDIDOSONLINE HERBALIFE NO MYHERBALIFE.COM.BR BRASIL, 2013. Geral Como posso pedir produtos em outros países? Como eu coloco Pedidos através do myherbalife.com.br? Como eu pago a Taxa de Processamento Anual? Esse mês tem fechamento duplo. Eu terei a possibilidade

Leia mais

Cadastramento e compra de vale transporte para o Cartão Metrocard Metropolitano Integrado. Em substituição ao Vale Transporte Temporário de Papel

Cadastramento e compra de vale transporte para o Cartão Metrocard Metropolitano Integrado. Em substituição ao Vale Transporte Temporário de Papel Cadastramento e compra de vale transporte para o Cartão Metrocard Metropolitano Integrado Em substituição ao Vale Transporte Temporário de Papel Acesso para cadastramento da empresa 2 Caso já tenha se

Leia mais

Cartilha da Nota Fiscal Eletrônica do Hábil Empresarial Profissional 7.0. Obrigado por usar nosso software! Koinonia Software Ltda.

Cartilha da Nota Fiscal Eletrônica do Hábil Empresarial Profissional 7.0. Obrigado por usar nosso software! Koinonia Software Ltda. Cartilha da Nota Fiscal Eletrônica do Hábil Empresarial Profissional 7.0 Obrigado por usar nosso software! Koinonia Software Ltda. (0**46) 3225-6234 I Cartilha_NFe_Habil_7 Índice Cap. I Bem Vindo 1 Cap.

Leia mais

Voltado para novos usuários, este capítulo fornece uma instrução para edição de Leiaute do SILAS e suas funções.

Voltado para novos usuários, este capítulo fornece uma instrução para edição de Leiaute do SILAS e suas funções. 13. Editor de leiautes Voltado para novos usuários, este capítulo fornece uma instrução para edição de Leiaute do SILAS e suas funções. Neste capítulo uma breve explicação será apresentada sobre a organização

Leia mais

Apresentação Figura 01:

Apresentação Figura 01: Apresentação O Sistema Online de Iniciação Científica da Universidade do Estado foi desenvolvido pela Pró- Reitoria de Pesquisa e Ensino de Pós-Graduação (PPG) com a finalidade de agilizar o processo de

Leia mais

3 - Tela Principal. Itens importantes da página

3 - Tela Principal. Itens importantes da página SUMÁRIO 1 1 - Conceitos Gerais O CRQ é um sistema de controle de qualidade utilizado na etapa de recrutamento de estudos de natureza qualitativa. Ele é um banco de dados que tem como principal objetivo

Leia mais

Tel. (0xx11) 3038-1150 Fax (0xx11) 3038-1166

Tel. (0xx11) 3038-1150 Fax (0xx11) 3038-1166 Sistema Nota Já Este manual tem por objetivo apresentar o sistema NotaJá a fim de auxiliar o usuário com todos os processos de cadastro, lançamentos de notas, cancelamentos, inutilizações, notas complementares

Leia mais

Follow-Up Acompanhamento Eletrônico de Processos (versão 3.0) Manual do Sistema. 1. Como acessar o sistema Requisitos mínimos e compatibilidade

Follow-Up Acompanhamento Eletrônico de Processos (versão 3.0) Manual do Sistema. 1. Como acessar o sistema Requisitos mínimos e compatibilidade do Sistema Índice Página 1. Como acessar o sistema 1.1 Requisitos mínimos e compatibilidade 03 2. Como configurar o Sistema 2.1 Painel de Controle 2.2 Informando o nome da Comissária 2.3 Escolhendo a Cor

Leia mais

ROTEIRO NOTA FISCAL ELETRONICA A partir de Agosto/2012

ROTEIRO NOTA FISCAL ELETRONICA A partir de Agosto/2012 ROTEIRO NOTA FISCAL ELETRONICA A partir de Agosto/2012 1. INSTALAÇÃO DO GESTOR Confira abaixo as instruções de como instalar o sistema Gestor. Caso já tenha realizado esta instalação avance ao passo seguinte:

Leia mais

Vendas. Manual do Usuário. Copyright 2014 - ControleNaNet

Vendas. Manual do Usuário. Copyright 2014 - ControleNaNet Manual do Usuário Copyright 2014 - ControleNaNet Conteúdo A Ficha de Vendas...3 Os Recibos...6 Como imprimir?...7 As Listagens...9 Clientes... 10 Consulta... 11 Inclusão... 13 Alteração... 14 Exclusão...

Leia mais

MANUAL DO GERENCIADOR ESCOLAR WEB

MANUAL DO GERENCIADOR ESCOLAR WEB CNS LEARNING MANUAL DO GERENCIADOR ESCOLAR WEB Versão Online 13 Índice ÍNDICE... 1 VISÃO GERAL... 2 CONCEITO E APRESENTAÇÃO VISUAL... 2 PRINCIPAIS MÓDULOS... 3 ESTRUTURAÇÃO... 3 CURSOS... 4 TURMAS... 4

Leia mais

CONFIGURAÇÃO DO OUTLOOK EXPRESS

CONFIGURAÇÃO DO OUTLOOK EXPRESS CONFIGURAÇÃO DO OUTLOOK EXPRESS Antes de configurar o Outlook, é necessário fazer a instalação do certificado de segurança. Veja a seguir como fazer 1 Faça o download do arquivo: https://www.pae.sc.gov.br/down/caciasc.crt

Leia mais

O sistema operacional recomendado deve ser o Windows 2003, Windows 2000 ou Windows XP (nessa ordem de recomendação).

O sistema operacional recomendado deve ser o Windows 2003, Windows 2000 ou Windows XP (nessa ordem de recomendação). Módulo Nota Fiscal Eletrônica Sispetro Roteiro de Instalação Módulo Autenticador NFE Pré-Requisitos O sistema operacional recomendado deve ser o Windows 2003, Windows 2000 ou Windows XP (nessa ordem de

Leia mais

Wordpress - Designtec. Manual básico de gerenciamento Práticas de Geografia

Wordpress - Designtec. Manual básico de gerenciamento Práticas de Geografia Wordpress - Designtec Manual básico de gerenciamento Práticas de Geografia 1 Índice Acessando o painel administrativo... 3 Gerenciamento de edições... 3 Gerenciamento de artigos... 3 Publicando mídias...

Leia mais

GUIA PARA AFILIAÇÕES

GUIA PARA AFILIAÇÕES GUIA PARA AFILIAÇÕES ÍNDICE INTRODUÇÃO... 3 REDE... 4 Gerando usuário e senha (tecnologia Komerci)... 5 Liberação dos IP s maxipago!... 6 Matriz de Responsabilidades e Prazos... 7 CIELO... 8 Pedindo o

Leia mais

BIBLIOTECA NACIONAL RDA

BIBLIOTECA NACIONAL RDA BIBLIOTECA NACIONAL RDA Sumário O que é a Biblioteca Nacional RDA?... Página 3 O que são as Chaves RD e Chaves RDA?... Página 5 Como efetuar a pesquisa de um curso ou certificado?... Página 6 Registro

Leia mais

CERTIFICADO DIGITAL CONECTIVIDADE DIGITAL ICP GUIA PLANCON DE INSTRUÇÕES PARA A PROCURAÇÃO ELETRÔNICA

CERTIFICADO DIGITAL CONECTIVIDADE DIGITAL ICP GUIA PLANCON DE INSTRUÇÕES PARA A PROCURAÇÃO ELETRÔNICA CERTIFICADO DIGITAL CONECTIVIDADE DIGITAL ICP GUIA PLANCON DE INSTRUÇÕES PARA A PROCURAÇÃO ELETRÔNICA Esta é a segunda parte do nosso guia para a Conectividade Digital ICP. Na primeira parte, vimos instruções

Leia mais

Cetac - Centro de Ensino e Treinamento em Anatomia e Cirurgia Veterinária Manual Técnico do Sistema Administrativo do site Cetacvet.com.

Cetac - Centro de Ensino e Treinamento em Anatomia e Cirurgia Veterinária Manual Técnico do Sistema Administrativo do site Cetacvet.com. Manual Técnico do Sistema Administrativo do site Cetacvet.com.br SÃO PAULO - SP SUMÁRIO Introdução... 3 Autenticação no sistema administrativo... 4 Apresentação do sistema administrativo... 5 Gerenciamento

Leia mais

Guia Rápido de Uso. Aqui seguem os tópicos tratados nesse guia, para que você aprenda a usar o Sistema TORPEDO MOBILE. 1 Acesso ao sistema...

Guia Rápido de Uso. Aqui seguem os tópicos tratados nesse guia, para que você aprenda a usar o Sistema TORPEDO MOBILE. 1 Acesso ao sistema... Guia Rápido de Uso Aqui seguem os tópicos tratados nesse guia, para que você aprenda a usar o Sistema TORPEDO MOBILE 1 Acesso ao sistema... 2 2 Entenda o Menu...... 3 2.1 Contatos...... 3 2.2 Mensagens......

Leia mais

Manual Comunica S_Line

Manual Comunica S_Line 1 Introdução O permite a comunicação de Arquivos padrão texto entre diferentes pontos, com segurança (dados criptografados e com autenticação) e rastreabilidade, isto é, um CLIENTE pode receber e enviar

Leia mais

TUTORIAL PARA SUBMISSÃO DE TRABALHOS

TUTORIAL PARA SUBMISSÃO DE TRABALHOS TUTORIAL PARA SUBMISSÃO DE TRABALHOS Prezados autores, Este tutorial foi elaborado para auxilia-lo no processo de submissão de trabalhos ao XIX Congresso Brasileiro de Ciências do Esporte e VI Congresso

Leia mais

Portaria nº 126 de 12 de março de 2014 DOU 13.03.14

Portaria nº 126 de 12 de março de 2014 DOU 13.03.14 Portaria nº 126 de 12 de março de 2014 DOU 13.03.14 Sistema Eletrônico de Informações SEI O que é o SEI? SEI Sistema Eletrônico de Informações é a plataforma adotada pelo Ministério das Comunicações para

Leia mais

PROGRAMAS E PROJETOS SOCIAIS

PROGRAMAS E PROJETOS SOCIAIS PROGRAMAS E PROJETOS SOCIAIS Click Intranet https://intranet.unifesp.br/ Você deve acessar a Intranet com seu login (Nome escolhido para entrar no sistema) Coloque sua senha Caso você não seja cadastrado

Leia mais

WampServer. Instalação do WampServer. Nota: Essas instruções são baseadas em uma instalação para o sistema operacional Windows.

WampServer. Instalação do WampServer. Nota: Essas instruções são baseadas em uma instalação para o sistema operacional Windows. WampServer Para configurar o WordPress e o Joomla!, você precisa ter um servidor Web e um banco de dados instalado. A maneira mais fácil de configurar um servidor web e um banco de dados no seu computador

Leia mais

Índice. 1. Limpar Cache do Browser Firefox... 3. 2. Limpar Cache Browser Internet Explorer... 5. 3. Limpar cache do Java... 7

Índice. 1. Limpar Cache do Browser Firefox... 3. 2. Limpar Cache Browser Internet Explorer... 5. 3. Limpar cache do Java... 7 Índice 1. Limpar Cache do Browser Firefox... 3 2. Limpar Cache Browser Internet Explorer... 5 3. Limpar cache do Java... 7 4. Versão dos navegadores ( browser ) para acesso ao GFN Web:... 9 5. Configuração

Leia mais

Manual de Instalação do AP_Conta Windows

Manual de Instalação do AP_Conta Windows Manual de Instalação do AP_Conta Windows aplicativo off line para geração e envio de cobranças eletrônicas no padrão TISS CAPESESP ANS nº 324477 atualizado em 24/04/2012 AP_Conta Windows O AP_Conta Windows

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO

MANUAL DE UTILIZAÇÃO MANUAL DE UTILIZAÇÃO Módulo de operação Ativo Bem vindo à Vorage CRM! Nas próximas paginas apresentaremos o funcionamento da plataforma e ensinaremos como iniciar uma operação básica através do nosso sistema,

Leia mais

MANUAL ESCOLA FLEX. Revisado em 09/07/2008. Sistema Flex www.sistemaflex.com

MANUAL ESCOLA FLEX. Revisado em 09/07/2008. Sistema Flex www.sistemaflex.com MANUAL ESCOLA FLEX Revisado em 09/07/2008 Sistema Flex www.sistemaflex.com Índice Manual Escola Flex Índice... 2 Tela de Abertura (Splash Screen)... 3 Login... 4 Seleção de Empresas... 5 Tela Principal...

Leia mais

MANUAL COTAÇAO WEB MANUAL MANUAL AVANÇO INFORMÁTICA AVANÇO INFORMÁTICA. [Digite seu endereço] [Digite seu telefone] [Digite seu endereço de email]

MANUAL COTAÇAO WEB MANUAL MANUAL AVANÇO INFORMÁTICA AVANÇO INFORMÁTICA. [Digite seu endereço] [Digite seu telefone] [Digite seu endereço de email] MANUAL COTAÇAO WEB [Digite seu endereço] [Digite seu telefone] [Digite seu endereço de email] MANUAL MANUAL AVANÇO INFORMÁTICA AVANÇO INFORMÁTICA Material Desenvolvido para a Célula Materiais Autor: Equipe

Leia mais

Tutorial contas a pagar

Tutorial contas a pagar Tutorial contas a pagar Conteúdo 1. Cadastro de contas contábeis... 2 2. Cadastro de conta corrente... 4 3. Cadastro de fornecedores... 5 4. Efetuar lançamento de Contas à pagar... 6 5. Pesquisar Lançamento...

Leia mais

Manual do site do Comitê do Itajaí: como inserir e atualizar

Manual do site do Comitê do Itajaí: como inserir e atualizar Manual do site do Comitê do Itajaí: como inserir e atualizar conteúdo autor: Fábio Roberto Teodoro 25 de março de 2010 Sumário 1 Definições 3 2 Interface Administrativa 4 3 Conteúdo 6 3.1 Notícias............................................

Leia mais

SUMÁRIO. 1. Sobre O SOAC. 2. Histórico. 3. Contato. 4. Página Inicial Sistema Eletrônico de Administração de Conferências

SUMÁRIO. 1. Sobre O SOAC. 2. Histórico. 3. Contato. 4. Página Inicial Sistema Eletrônico de Administração de Conferências SUMÁRIO 1. Sobre O SOAC 2. Histórico 3. Contato 4. Página Inicial Sistema Eletrônico de Administração de Conferências 4.1 Página Capa Localizada no Menu Horizontal Principal 4.2 Página Sobre Localizada

Leia mais

Manual do Sistema "Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro" Editorial Brazil Informatica

Manual do Sistema Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro Editorial Brazil Informatica Manual do Sistema "Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro" Editorial Brazil Informatica I Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro Conteúdo Part I Introdução

Leia mais

Ambiente Virtual de Aprendizagem Moodle

Ambiente Virtual de Aprendizagem Moodle Ambiente Virtual de Aprendizagem Moodle No INSEP, o ambiente virtual de aprendizagem oferecido ao acadêmico é o MOODLE. A utilização dessa ferramenta é fundamental para o sucesso das atividades em EAD,

Leia mais

QUALIDATA Soluções em Informática. Módulo CIEE com convênio empresas

QUALIDATA Soluções em Informática. Módulo CIEE com convênio empresas FM-0 1/21 ÍNDICE 1. MÓDULO DESKTOP(SISTEMA INSTALADO NO CIEE)... 2 Cadastro de Ofertas de Empregos:... 2 Cadastro de Eventos:... 3 Cadastro de Instituições do Curriculum:... 5 Cadastro de Cursos do Curriculum:...

Leia mais

Roteiro de Instalação da NF-e no Sistema CalcExpress S U M À R I O

Roteiro de Instalação da NF-e no Sistema CalcExpress S U M À R I O Roteiro de Instalação da NF-e no Sistema CalcExpress S U M À R I O Procedimentos de Configuração no CalcExpress....2 Procedimentos de Configuração no Emissor de Nota Fiscal Eletrônica...3 Gerando Arquivo

Leia mais

SERVIDOR HOTSPOT PARA HOTÉIS/POUSADAS - SMARTWEB MANUAL DE OPERAÇÕES

SERVIDOR HOTSPOT PARA HOTÉIS/POUSADAS - SMARTWEB MANUAL DE OPERAÇÕES SERVIDOR HOTSPOT PARA HOTÉIS/POUSADAS - SMARTWEB MANUAL DE OPERAÇÕES O SMARTWEB é um servidor baseado na plataforma Mikrotik que permite o gerenciamento e controle de acessos à internet. Libera acesso

Leia mais

Tutorial. O Trade e a Nota Fiscal Eletrônica

Tutorial. O Trade e a Nota Fiscal Eletrônica Tutorial O Trade e a Nota Fiscal Eletrônica Este tutorial explica como configurar o Trade Solution e realizar as principais atividades relacionadas à emissão e ao gerenciamento das Notas Fiscais Eletrônicas

Leia mais

http://divulgafacil.terra.com.br/novahospedagem_4/configuracoes.html

http://divulgafacil.terra.com.br/novahospedagem_4/configuracoes.html Page 1 of 9 Veja abaixo como proceder para alterar as configurações de hospedagem do seu site: Na nova plataforma de hospedagem, a estrutura de diretórios FTP vai mudar um pouco. Ou seja, em caso de atualização

Leia mais

TUTORIAL PARA ATUALIZAÇÃO DO PORTAL DO TJRN

TUTORIAL PARA ATUALIZAÇÃO DO PORTAL DO TJRN Poder Judiciário do Estado do Rio Grande do Norte TUTORIAL PARA ATUALIZAÇÃO DO PORTAL DO TJRN Agosto/2012 Versão 1.0 1. ACESSANDO O PORTAL Acesse o site do TJ no endereço www.tjrn.jus.br Observação: utilize

Leia mais

Sistema Eletrônico de Editoração de RevistasSEER

Sistema Eletrônico de Editoração de RevistasSEER Sistema Eletrônico de Editoração de RevistasSEER O SEER foi traduzido e customizado pelo Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (IBICT) baseado no software desenvolvido pelo Public

Leia mais

Tutorial para agendar o exame ISO 27002 Foundation na PROMETRIC

Tutorial para agendar o exame ISO 27002 Foundation na PROMETRIC Tutorial para agendar o exame ISO 27002 Foundation na PROMETRIC Este tutorial explica passo a passo como localizar os centros de testes PROMETRIC para realizar o exame EXIN ISO 27002 Foundation (código

Leia mais

CAIXA ECONÔMICA FEDERAL CERTIFICAÇÃO DIGITAL MANUAL PARA EMISSÃO DO CERTIFICADO DIGITAL P.J.

CAIXA ECONÔMICA FEDERAL CERTIFICAÇÃO DIGITAL MANUAL PARA EMISSÃO DO CERTIFICADO DIGITAL P.J. CAIXA ECONÔMICA FEDERAL CERTIFICAÇÃO DIGITAL MANUAL PARA EMISSÃO DO CERTIFICADO DIGITAL P.J. Solicitação Emissão Download da cadeia de certificação CAIXA Instalação do gerenciador Maio/2009 ÍNDICE 1 Solicitação...

Leia mais

Gerenciador de Referências. EndNote. Nonato Ribeiro Biblioteca de Ciências e Tecnologia (UFC)

Gerenciador de Referências. EndNote. Nonato Ribeiro Biblioteca de Ciências e Tecnologia (UFC) Gerenciador de Referências EndNote Nonato Ribeiro Biblioteca de Ciências e Tecnologia (UFC) Pesquisa na Web of Science O que é o EndNote? Funcionalidades da ferramenta Como incluir citações no Word usando

Leia mais

Documentação. Programa de Evolução Contínua Versão 1.72

Documentação. Programa de Evolução Contínua Versão 1.72 Documentação Programa de Evolução Contínua Versão 1.72 Sumário Resumo das Novidades... 3 Configuração das Novidades... 5 Exibição de variações nas listagens... 5 Novo Sistema de Lista de Desejos... 7 Resumo

Leia mais

NOVIDADES DA VERSÃO DO ZPEDIDOS.

NOVIDADES DA VERSÃO DO ZPEDIDOS. NOVIDADES DA VERSÃO DO ZPEDIDOS. Procedimento de Envio de Novos Clientes: Para o envio de novos clientes, assim como na versão anterior, é obrigatório o cadastro de um pedido para o cliente, porém o procedimento

Leia mais

Manual Operacional para o Gestor Setorial do Sistema de Concessão de Diárias e Passagens - SCDP Maio de 2008

Manual Operacional para o Gestor Setorial do Sistema de Concessão de Diárias e Passagens - SCDP Maio de 2008 Manual Operacional para o Gestor Setorial do Sistema de Concessão de Diárias e Passagens - SCDP Maio de 2008 Índice 1. Acesso ao Sistema Página 3 1.1 Acessar o Sistema de Concessão de Diárias e Passagens

Leia mais

COFANET. Guia do Usuário Para Seguro de Crédito. https://cofanet.coface.com/portalviewweb/

COFANET. Guia do Usuário Para Seguro de Crédito. https://cofanet.coface.com/portalviewweb/ COFANET Guia do Usuário Para Seguro de Crédito https://cofanet.coface.com/portalviewweb/ 1 ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 4 1.2 Produtos e características do Cofanet... 4 2. ACESSO AO COFANET... 4 2.1 Entrada

Leia mais

MANUAL PARA REALIZAÇÃO DA PESQUISA DE PREÇO NO SISTEMA SOLAR

MANUAL PARA REALIZAÇÃO DA PESQUISA DE PREÇO NO SISTEMA SOLAR SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA PRÓ-REITORIA DE PLANEJAMENTO E ORÇAMENTO SUPERINTENDÊNCIA EM GOVERNANÇA ELETRÔNICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO CAMPUS UNIVERSITÁRIO

Leia mais

1. Tela de Acesso pg. 2. 2. Cadastro pg. 3. 3. Abas de navegação pg. 5. 4. Abas dados cadastrais pg. 5. 5. Aba grupo de usuários pg.

1. Tela de Acesso pg. 2. 2. Cadastro pg. 3. 3. Abas de navegação pg. 5. 4. Abas dados cadastrais pg. 5. 5. Aba grupo de usuários pg. Sumário 1. Tela de Acesso pg. 2 2. Cadastro pg. 3 3. Abas de navegação pg. 5 4. Abas dados cadastrais pg. 5 5. Aba grupo de usuários pg. 6 6. Aba cadastro de funcionários pg. 7 7. Pedidos pg. 12 8. Cartões

Leia mais

Registro 1º PASSO DIGITALIZE SEUS DOCUMENTOS

Registro 1º PASSO DIGITALIZE SEUS DOCUMENTOS Registro 1º PASSO DIGITALIZE SEUS DOCUMENTOS Digitalize todos os documentos necessários para solicitar seu registro, salvando no formato PDF, JPG, PNG ou GIF (tamanho máximo de 1MB por arquivo), com o

Leia mais