ENSINO FUNDAMENTAL - CIÊNCIAS 9ºANO- UNIDADE 3 - CAPÍTULO 1

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ENSINO FUNDAMENTAL - CIÊNCIAS 9ºANO- UNIDADE 3 - CAPÍTULO 1"

Transcrição

1 ENSINO FUNDAMENTAL - CIÊNCIAS 9ºANO- UNIDADE 3 - CAPÍTULO 1 questão 01. O que é Astrofísica? questão 02. O que são constelações? questão 03. Como era o calendário Lunar? questão 04. Qual era diferença entre o calendário solar e o calendário Lunar? questão 05. Por que era importante para os sumários o estudo do céu? questão 06. O que os astrônomos da antiguidade sabiam a respeito da movimentação do Sol? questão 07. Cite três meios de transportes aéreos utilizados pelo ser humano para se deslocar. questão 08. O que é firmamento? questão 09. Na antiguidade, como as pessoas sabiam a diferença entre as estrelas e os planetas? a) Os planetas pareciam maiores que as estrelas

2 b) Os planetas apresentavam fases c) Os planetas se moviam em relação às estrelas d) Os planetas não piscavam e) Os planetas eram os mais longes questão 10. O zodíaco se refere a: a) todas as constelações com nomes de animais b) a luz dos anéis de Saturno c) método de fazer previsões astrológicas d) um grupo de constelações localizadas ao longo da eclíptica e) todos os planetas da via Láctea questão 11. Escolha a opção incorreta sobre os sumérios: a) povo que habitava a região entre o rio Tigre e Eufrates b) não distinguiram os planeta das estrelas c) estudavam o céu d) organizaram o calendário lunar e) atuavam na baixa Mesopotâmia, atual Iraque questão 12. Qual a posição em que, por convenção, se considera que os astros nascem e se põe? questão 13. Explique o que é o movimento diurno dos astros. questão 14. Defina horizonte. questão 15. Qual é a velocidade angular aparente do Sol?

3 questão 16. Observamos que o Sol, as estrelas e a Lua nascem no leste e se põe no oeste. Isso é um movimento real ou aparente? Explique porque. questão 17. Como é chamada a metade da esfera Celeste? questão 18. Quais são os pontos cardeais existentes? questão 19. Por que conseguimos observar nossa própria imagem no espelho? questão 20. Explique o que é ano-luz. questão 21. A Estrela Dalva é um(a): a) planeta b) estrela c) constelação d) galáxia e) país questão 22. A Esfera Celeste representa: a) um planeta b) uma estrela c) a lua d) o céu e) um meteoro questão 23. Definimos como um dia terrestre:

4 a) uma volta completa dada pela Lua em torno de si mesma. b) uma volta completa dada pelo Universo em torno de si mesmo. c) uma volta completa dada pela Terra em torno do próprio eixo. d) meia volta na Lua em torno da Terra. e) meia volta no Sol em torno dos planetas. questão 24. Quais planetas são gasosos? questão 25. O que é fusão nuclear? questão 26. Qual a composição química do Sol? questão 27. Explique o que é temperatura. questão 28. O que é radiação eletromagmética? questão 29. Qual o tipo de energia que é produzida nos núcleos estelares? questão 30. Cite os tipos de radiações de alta freqüência que são produzidas no interior e nas camadas superiores das estrelas. questão 31. Para que serve a fotometria estelar?

5 questão 32. Qual a relação entre o número associado à magnitude aparente de um astro e seu brilho? questão 33. Os astros com brilho mais fraco ponderam ser visualizados através de: a) microscópicos e lunetas b) telescópio e bússola c) bússola e microscópio d) luneta e telescópio e) binóculos e bússola questão 34. Qual dos exemplos abaixo não representa radiações eletromagnéticas: a) ultravioleta b) raio x c) radiação gama d) infravermelho e) espectro austral questão 35. Complete a frase: No hemisfério Norte, a estrela mais importante é a e no hemisfério Sul a constelação mais importante é a. questão 36. O que é força gravitacional? questão 37. Quais os tipos de nebulosas existentes? questão 38. Explique porque as nebulosas de emissão brilham.

6 questão 39. As nebulosas escuras emitem luz? Por quê? questão 40. O que são galáxias? questão 41. Como e quais são classificações das galáxias? questão 42. A via-láctea é formada por quatro "braços". Quais são eles? questão 43. Qual o nome da galáxia mais próxima da Via Láctea? questão 44. Como foi denominado o grupo de galáxias que estão mais próximas da Via Láctea? questão 45. O Sistema Solar está localizado à cerca de dois terços de distância do centro, em uma região conhecida como: a) braço de Órion b) grande nuvem de Magalhães c) Cruzeiro-Ceteuro d) grupo Local e) aglomerado de Virgem questão 46. O átomo de hidrogênio forma o gás hidrogênio, que é representado pela forma:

7 a) H b) HC c) H 2 C d) H 3 e) H 2 questão 47. Nossa galáxia recebeu esse nome pois sua aparência lembra uma mancha branca no céu, mas na verdade, o que vemos são : a) inúmeros cometas b) inúmeras estrelas c) inúmeros meteoros d) inúmeros aglomerados de poeira e) inúmeros meteoritos questão 48. No Pólo Celeste Sul, a constelação mais conhecida é a(o): a) Estrela polar b) Faixa do Zodíaco c) Cruzeiro do Sul d) Ursa Menor e) Triângulo Austral questão 49. O nome da força que delimita a posição estrelar é: a) magnética b) eletrostática c) magmática d) cinética e) gravitacional questão 50. Julgue as afirmações abaixo: I) A energia produzida no núcleo estelar se propaga do interior para o exterior, alcançando o espaço na forma de radiação eletromagnética II) No interior das estrelas, as radiações produzidas possuem baixíssima freqüência, como é o caso da radiação gama III) As radiações que apresentam luz visível são os raios X. Escolha a opção correta:

8 a) I e II corretas b) I e III corretas c) I, II e III corretas d) I correta e) II correta questão 51. O que são nebulosas de reflexão? questão 52. Qual a semelhança entre a glicose que se forma na fotossíntese de uma planta, na poeira interestelar e nas moléculas orgânicas do DNA humano? questão 53. A qual forma geométrica a nossa galáxia, a Via Láctea, geralmente é comparada? questão 54. Qual a semelhança entre o gás hidrogênio que está presente na atmosfera da Terra e a molécula de água? questão 55. O que é Andrômeda? questão 56. Cite três galáxias que participam do grupo local.

Sistema Solar. Sistema de Ensino CNEC. 4 o ano Ensino Fundamental Data: / / Atividades de Ciências Nome:

Sistema Solar. Sistema de Ensino CNEC. 4 o ano Ensino Fundamental Data: / / Atividades de Ciências Nome: 4 o ano Ensino Fundamental Data: / / Atividades de Ciências Nome: Sistema Solar 1 o Mercúrio 5 o Júpiter 2 o Vênus 6 o Saturno 3 o Terra 7 o Urano 4 o Marte 8 o Netuno Com certeza você já deve ter ouvido

Leia mais

Escola Estadual Jerônimo Gueiros Professor (a) Supervisor (a): Ary Pereira Bolsistas: Ana Moser e Débora Leyse

Escola Estadual Jerônimo Gueiros Professor (a) Supervisor (a): Ary Pereira Bolsistas: Ana Moser e Débora Leyse Universidade Federal do Rio Grande do Norte Centro de Ciências Humanas Letras e Artes Departamento de Geografia Programa Institucional de Iniciação à docência (PIBID) Escola Estadual Jerônimo Gueiros Professor

Leia mais

Movimento Annual do Sol, Fases da Lua e Eclipses

Movimento Annual do Sol, Fases da Lua e Eclipses Movimento Annual do Sol, Fases da Lua e Eclipses FIS02010 Professora Ana Chies Santos IF/UFRGS https://anachiessantos.wordpress.com/ensino/fis02010/ Facebook #AstroUFRGS Relembrando... Sistemas de Coordenadas

Leia mais

A Via-Láctea. Prof. Fabricio Ferrari Unipampa. adaptado da apresentação The Milky Way, Dr. Helen Bryce,University of Iowa

A Via-Láctea. Prof. Fabricio Ferrari Unipampa. adaptado da apresentação The Milky Way, Dr. Helen Bryce,University of Iowa A Via-Láctea Prof. Fabricio Ferrari Unipampa adaptado da apresentação The Milky Way, Dr. Helen Bryce,University of Iowa Aparência da Via Láctea no céu noturno Imagem de todo o céu em luz visível Nossa

Leia mais

CIÊNCIAS PROVA 2º BIMESTRE 6º ANO PROJETO CIENTISTAS DO AMANHÃ

CIÊNCIAS PROVA 2º BIMESTRE 6º ANO PROJETO CIENTISTAS DO AMANHÃ PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ENSINO COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO CIÊNCIAS PROVA 2º BIMESTRE 6º ANO PROJETO CIENTISTAS DO AMANHÃ Prova elaborada

Leia mais

INTRODUÇÃO À ASTRONOMIA SANDRO FERNANDES

INTRODUÇÃO À ASTRONOMIA SANDRO FERNANDES INTRODUÇÃO À ASTRONOMIA SANDRO FERNANDES O que é a Astronomia? É a ciência que estuda o universo, numa tentativa de perceber a sua estrutura e evolução. Histórico É a ciência mais antiga. Os registros

Leia mais

As estações do ano acontecem por causa da inclinação do eixo da Terra em relação ao Sol. O movimento do nosso planeta em torno do Sol, dura um ano.

As estações do ano acontecem por causa da inclinação do eixo da Terra em relação ao Sol. O movimento do nosso planeta em torno do Sol, dura um ano. PROFESSORA NAIANE As estações do ano acontecem por causa da inclinação do eixo da Terra em relação ao Sol. O movimento do nosso planeta em torno do Sol, dura um ano. A este movimento dá-se o nome de movimento

Leia mais

O Sistema Solar, a Galáxia e o Universo. Prof Miriani G. Pastoriza Dep de Astronomia, IF

O Sistema Solar, a Galáxia e o Universo. Prof Miriani G. Pastoriza Dep de Astronomia, IF O Sistema Solar, a Galáxia e o Universo Prof Miriani G. Pastoriza Dep de Astronomia, IF O Sistema Solar Matéria do Sis. Solar (%) Sol 99.85 Planetas 0.135 Cometas:0.01 Satélites Meteoróides Meio Interplanetario

Leia mais

I Olimpíada Brasileira de Astronomia Brasil, 22 de agosto de 1998. Nível 1 GABARITO OFICIAL

I Olimpíada Brasileira de Astronomia Brasil, 22 de agosto de 1998. Nível 1 GABARITO OFICIAL I Olimpíada Brasileira de Astronomia Brasil, 22 de agosto de 1998. Nível 1 GABARITO OFICIAL Questão 1 a) (VALOR: 0,2 pts) Quais os planetas do Sistema Solar que têm sistema de anéis? R: Saturno, Júpiter,

Leia mais

XI OLIMPÍADA REGIONAL DE CIÊNCIAS-2009 O Sistema Solar

XI OLIMPÍADA REGIONAL DE CIÊNCIAS-2009 O Sistema Solar XI OLIMPÍADA REGIONAL DE CIÊNCIAS-2009 O Sistema Solar Gabarito Primeira Fase Cruzadinha 3 6 1 V Ê N U S E 2 L U A 8 1 S N M 3 E S P E C T R O S C O P I A Q 2 R R U T E 4 É I 4 E C L Í P T I C A 7 N R

Leia mais

Ciências da Natureza VOLUME 1 UNIDADE 1 E 2

Ciências da Natureza VOLUME 1 UNIDADE 1 E 2 EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS ENSINO FUNDAMENTAL Ciências da Natureza VOLUME 1 UNIDADE 1 E 2 CIÊNCIAS DA NATUREZA, MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 2015 1 SUMÁRIO Unidade 1 Origem do Universo... 03 Unidade

Leia mais

OBA Conteúdos das Avaliações Data: 15/5/2015 (6ª feira)

OBA Conteúdos das Avaliações Data: 15/5/2015 (6ª feira) OBA Conteúdos das Avaliações Data: 15/5/2015 (6ª feira) Constituição da Avaliação 5 perguntas de Astronomia; 3 perguntas de Astronáutica; 2 perguntas sobre Energia. Perguntas Práticas e/ou Observacionais

Leia mais

Elementos de Astronomia

Elementos de Astronomia Elementos de Astronomia Astronomia Antiga, Esfera Celeste, Coordenadas e Movimento Diurno dos Astros Rogemar A. Riffel Sala 1316 e-mail: rogemar@ufsm.br http://www.ufsm.br/rogemar/ensino.html Por que estudar

Leia mais

História... Esta Teoria permaneceu Oficial durante 13 Séculos!!

História... Esta Teoria permaneceu Oficial durante 13 Séculos!! Astronomia História... O modelo grego para explicar o movimento dos corpos celestes foi estabelecido no século IV a.c. Neste modelo a Terra estava no centro do universo e os outros planetas, Sol e Lua

Leia mais

GABARITO DA PROVA OLÍMPICA DO NÍVEL II DA II OBA

GABARITO DA PROVA OLÍMPICA DO NÍVEL II DA II OBA 1. A astronomia estuda tudo que está fora da Terra, como por exemplo, os planetas, as estrelas, os cometas, as galáxias, as constelações, os movimentos destes corpos, etc. Para observar estes corpos basta

Leia mais

REVISÃO E AVALIAÇÃO DA UNIDADE I

REVISÃO E AVALIAÇÃO DA UNIDADE I Aula: 6.1 REVISÃO E AVALIAÇÃO DA UNIDADE I 2 O universo 3 Galáxias São conjuntos de sistemas estelares que contêm mais de 100 bilhões de estrelas, poeira e gases. Via Láctea Constelação Agrupamento aparente

Leia mais

EFEMÉRIDES DO MÊS DE ABRIL DE 2014

EFEMÉRIDES DO MÊS DE ABRIL DE 2014 EFEMÉRIDES DO MÊS DE ABRIL DE 2014 POSIÇÃO GEOGRÁFICA: LATITUDE: -8.1º LONGITUDE: -34.9º LATITUDE: 8º 0 48.1 Sul LONGITUDE: 34º 51 3.4 Oeste CALENDÁRIO DO CÉU COM OS HORÁRIOS DE VISIBILIDADE DOS OBJETOS

Leia mais

SUMÁRIO VOLUME 1 CIÊNCIAS

SUMÁRIO VOLUME 1 CIÊNCIAS SUMÁRIO VOLUME 1 "Dentro de você existe um universo em permanente construção" Paulo Roberto Gaefte Capítulo 1 Astronomia 05 (Eclipses lunar e solar; Constelações; Relógio estelar; Relógio solar; Asteroides,

Leia mais

PAUTA DO DIA. Acolhida Revisão Interatividades Intervalo Avaliação

PAUTA DO DIA. Acolhida Revisão Interatividades Intervalo Avaliação PAUTA DO DIA Acolhida Revisão Interatividades Intervalo Avaliação REVISÃO 1 Astronomia Ciência que estuda os astros e os fenômenos relacionados a eles. REVISÃO 1 Relaciona os fenômenos celestes aos fatos

Leia mais

UNIDADE 2: ASTRONOMIA

UNIDADE 2: ASTRONOMIA UNIDADE 2: ASTRONOMIA ARISTÓTELES (384-322 a.c.) Afirmou que a Terra era redonda devido à sombra esférica deixada por ela durante o eclipse lunar. ERATÓSTENES (273-194 a.c.) Mediu a circunferência da Terra

Leia mais

Fundamentos de Astronomia e Astrofísica. Galáxias. Tibério B. Vale. http://astro.if.ufrgs.br/

Fundamentos de Astronomia e Astrofísica. Galáxias. Tibério B. Vale. http://astro.if.ufrgs.br/ Fundamentos de Astronomia e Astrofísica Galáxias Tibério B. Vale http://astro.if.ufrgs.br/ A descoberta das galáxias Kant (1755): hipótese dos "universos-ilha": a Via Láctea é apenas uma galáxia a mais

Leia mais

Boa tarde a todos!! Sejam bem vindos a aula de Física!! Professor Luiz Fernando

Boa tarde a todos!! Sejam bem vindos a aula de Física!! Professor Luiz Fernando Boa tarde a todos!! Sejam bem vindos a aula de Física!! Professor Luiz Fernando Minha História Nome: Luiz Fernando Casado 24 anos Naturalidade: São José dos Campos Professor de Física e Matemática Formação:

Leia mais

Mecânica do Sistema Solar

Mecânica do Sistema Solar Mecânica do Sistema Solar IFSP Vicente Barros Mais informações em Click to edit Masterhttp://astro.if.ufrgs.br/index.htm subtitle style Curiosidades - Posição da ISS http://spotthestation.nasa.gov/ Nosso

Leia mais

EFEMÉRIDES DO MÊS DE OUTUBRO DE 2014

EFEMÉRIDES DO MÊS DE OUTUBRO DE 2014 EFEMÉRIDES DO MÊS DE OUTUBRO DE 2014 POSIÇÃO GEOGRÁFICA: LATITUDE: -8.1º LONGITUDE: -34.9º LATITUDE: 8º 0 48.1 Sul LONGITUDE: 34º 51 3.4 Oeste CALENDÁRIO DO CÉU COM OS HORÁRIOS DE VISIBILIDADE DOS OBJETOS

Leia mais

Cópia autorizada. II

Cópia autorizada. II II Sugestões de avaliação Ciências 6 o ano Unidade 1 5 Unidade 1 Nome: Data: 1. Marque V nas alternativas verdadeiras e F nas falsas. Em relação ao Universo, ao Sistema Solar e à Terra, podemos afirmar

Leia mais

EFEMÉRIDES DO MÊS DE AGOSTO DE 2014

EFEMÉRIDES DO MÊS DE AGOSTO DE 2014 EFEMÉRIDES DO MÊS DE AGOSTO DE 2014 POSIÇÃO GEOGRÁFICA: LATITUDE: -8.1º LONGITUDE: -34.9º LATITUDE: 8º 0 48.1 Sul LONGITUDE: 34º 51 3.4 Oeste CALENDÁRIO DO CÉU COM OS HORÁRIOS DE VISIBILIDADE DOS OBJETOS

Leia mais

Evolução Estelar e A Via-Láctea

Evolução Estelar e A Via-Láctea Introdução à Astronomia Evolução Estelar e A Via-Láctea Rogério Riffel http://astro.if.ufrgs.br Formação estelar - Estrelas se formam dentro de concentrações relativamente densas de gás e poeira interestelar

Leia mais

Prof. Franco Augusto

Prof. Franco Augusto Prof. Franco Augusto Astros São corpos que giram no espaço, classificados de acordo com a luminosidade. Iluminados ou opacos não possuem luz própria, recebendo luz das estrelas. São os planetas, asteroides,

Leia mais

Uma estrela-bebê de 10 mil anos

Uma estrela-bebê de 10 mil anos 1 Uma estrela-bebê de 10 mil anos Jane Gregorio-Hetem (IAG/USP) Email: jane@astro.iag.usp.br A versão original deste texto foi divulgada no CD-ROM da 48ª Reunião Anual da SBPC, na qual a conferência Estrelas

Leia mais

5 as Olimpíadas Nacionais de Astronomia

5 as Olimpíadas Nacionais de Astronomia 5 as Olimpíadas Nacionais de Astronomia Prova da eliminatória regional 14 de Abril de 2010 15:00 Duração máxima 120 minutos Nota: Ler atentamente todas as questões. Existe uma tabela com dados no final

Leia mais

Atividade: Uma Viagem pelo Céu Autores: Laerte Sodré Jr., Raquel Y. Shida, Jane Gregorio-Hetem (IAG/USP)

Atividade: Uma Viagem pelo Céu Autores: Laerte Sodré Jr., Raquel Y. Shida, Jane Gregorio-Hetem (IAG/USP) Autores: Laerte Sodré Jr., Raquel Y. Shida, Jane Gregorio-Hetem (IAG/USP) Objetivo: Esta atividade, elaborada para o programa "Telescópios na Escola", é indicada para quem nunca observou antes com um telescópio

Leia mais

Astronomia fora do visível Beatriz García, Ricardo Moreno, Rosa M. Ros

Astronomia fora do visível Beatriz García, Ricardo Moreno, Rosa M. Ros Astronomia fora do visível Beatriz García, Ricardo Moreno, Rosa M. Ros União Astronómica Internacional Universidade Tecnológica Nacional, Argentina Colégio Retamar de Madrid, Espanha Universidade Politécnica

Leia mais

Considera-se que o Sistema Solar teve origem há cerca de 5 mil milhões de anos.

Considera-se que o Sistema Solar teve origem há cerca de 5 mil milhões de anos. 19 e 20 17/11/2011 Sumário Correção do TPC. Como se formou o Sistema Solar? Constituição do Sistema Solar. Os planetas do Sistema Solar. Principais características dos planetas do Sistema Solar. Outros

Leia mais

Introdução À Astronomia e Astrofísica 2010

Introdução À Astronomia e Astrofísica 2010 CAPÍTULO 1 ESFERA CELESTE E O SISTEMA DE COORDENADAS Esfera Celeste. Sistema de Coordenadas. Coordenadas Astronómicas. Sistema Horizontal. Sistema Equatorial Celeste. Sistema Equatorial Horário. Tempo

Leia mais

Oficina de CNII/EF Material do Aluno. Tema: Sistema Solar. Prezado Aluno,

Oficina de CNII/EF Material do Aluno. Tema: Sistema Solar. Prezado Aluno, Tema: Sistema Solar Prezado Aluno, Nesta oficina, você desenvolverá atividades que abordam a constituição do Sistema Solar, os movimentos dos astros, os fenômenos celestes e sua relação com o planeta Terra.

Leia mais

Início 15.09.11 03.01.12 10.04.12 Final 16.12.11 23.03.12 08.06.12 Interrupções - 20 22 Fev 2012 -

Início 15.09.11 03.01.12 10.04.12 Final 16.12.11 23.03.12 08.06.12 Interrupções - 20 22 Fev 2012 - TOTAL Outras Atividades Tema B: Terra em Transformação Tema A: Terra no Espaço Departamento de Matemática e Ciências Experimentais PLANIFICAÇÃO 7º Ano de Ciências Físico-Químicas Ano Letivo 2011 / 2012

Leia mais

A Via Láctea Curso de Extensão Universitária Astronomia: Uma Visão Geral 12 a 17 de janeiro de 2004 Histórico Sec. XVII Galileu: descobriu que a Via-Láctea consistia de uma coleção de estrelas. Sec. XVIII/XIX

Leia mais

Leis de Newton e Forças Gravitacionais

Leis de Newton e Forças Gravitacionais Introdução à Astronomia Leis de Newton e Forças Gravitacionais Rogério Riffel Leis de Newton http://www.astro.ufrgs.br/bib/newton.htm Newton era adepto das ideias de Galileo. Galileo: Um corpo que se move,

Leia mais

Antes é preciso explicar o que é um Meteoro?

Antes é preciso explicar o que é um Meteoro? 1 Você sabe o que é uma Chuva de Meteoros? Antes é preciso explicar o que é um Meteoro? É um pequeno corpo celeste que entra na atmosfera da Terra e queima completamente, ou não. Essa queima (combustão)

Leia mais

O Sol. Daniele Benicio dani_daniinperpetuum@hotmail.com

O Sol. Daniele Benicio dani_daniinperpetuum@hotmail.com O Sol Daniele Benicio dani_daniinperpetuum@hotmail.com Aula Anterior: Sistema Solar Terra, Lua e Sol Terra: estrutura, características, estações do ano Lua: estrutura, características, fases Eclipses Relação

Leia mais

ESCOLA SALESIANA DE MANIQUE TESTE DE AVALIAÇÃO DE CIÊNCIAS FÍSICO-QUÍMICAS ANO LECTIVO 2010/2011

ESCOLA SALESIANA DE MANIQUE TESTE DE AVALIAÇÃO DE CIÊNCIAS FÍSICO-QUÍMICAS ANO LECTIVO 2010/2011 ESCOLA SALESIANA DE MANIQUE TESTE DE AVALIAÇÃO DE CIÊNCIAS FÍSICO-QUÍMICAS ANO LECTIVO 2010/2011 Nome: 7.º Ano Turma Nº: Encarregado de Educação: Classificação: Professor: 1. Observe a figura seguinte,

Leia mais

Comunicação e informação...9 1. Produção, processamento, propagação e armazenamento da informação... 10

Comunicação e informação...9 1. Produção, processamento, propagação e armazenamento da informação... 10 S UNIDADE 1 U M Á R I O Comunicação e informação...9 1. Produção, processamento, propagação e armazenamento da informação... 10 ARMAZENAMENTO E PROCESSAMENTO DE INFORMAÇÕES...10 O registro das informações...11

Leia mais

4ºano Turma Mista. Autora: Beatriz Rodrigues

4ºano Turma Mista. Autora: Beatriz Rodrigues 4ºano Turma Mista O ESPAÇO Autora: Beatriz Rodrigues O que é e como é o Espaço? Os seres humanos chamam Espaço a tudo o que está fora da superfície e atmosfera terrestre. A maioria dos peritos acredita

Leia mais

REPRESE TAÇÃO SIMPLIFICADA DAS FASES DA LUA

REPRESE TAÇÃO SIMPLIFICADA DAS FASES DA LUA FASES DA LUA O ASPECTO DA LUA SE MODIFICA DIARIAMENTE. Mas isso se deve tão somente a posição relativa da Lua, Terra e Sol. A cada dia o Sol ilumina a Lua sob um ângulo diferente, à medida que ela se desloca

Leia mais

O UNIVERSO EM SUAS MÃOS

O UNIVERSO EM SUAS MÃOS 2010 2010 O UNIVERSO EM SUAS MÃOS Pesquisa e Texto Jacqueline Barbosa Ferreira Revisão Lucas Forni Miranda Natalia Oliveira da Silva Arte Givanilson L. Góes Projeto Academia de Ciência Escola Estadual

Leia mais

ESCOLA SALESIANA DE MANIQUE MATRIZ DO 5.º TESTE 2010/2011 CIÊNCIAS FÍSICO-QUÍMICAS 7.º ANO

ESCOLA SALESIANA DE MANIQUE MATRIZ DO 5.º TESTE 2010/2011 CIÊNCIAS FÍSICO-QUÍMICAS 7.º ANO ESCOLA SALESIANA DE MANIQUE MATRIZ DO 5.º TESTE 2010/2011 CIÊNCIAS FÍSICO-QUÍMICAS 7.º ANO TEMAS OBJECTIVOS DE APRENDIZAGEM COTAÇÃO ESTRUTURA CRITÉRIOS DE CORRECÇÃO Questão 1 Questão 1: 8% Tipo de questões:

Leia mais

Ano/Semestre de Estudo. Componente Curricular: Duração da Aula: Modalidade de Ensino:

Ano/Semestre de Estudo. Componente Curricular: Duração da Aula: Modalidade de Ensino: Org.: Claudio André - 1 TÍTULO: OBSERVANDO O CÉU Nível de Ensino: Ano/Semestre de Estudo Componente Curricular: Tema: Duração da Aula: Modalidade de Ensino: Ensino Fundamental / Séries Iniciais 3º Ano

Leia mais

CALENDÁRIO DO CÉU PARA O MÊS DE JUNHO DE 2014

CALENDÁRIO DO CÉU PARA O MÊS DE JUNHO DE 2014 CALENDÁRIO DO CÉU PARA O MÊS DE JUNHO DE 2014 POSIÇÃO GEOGRÁFICA: LATITUDE: -8.1º LONGITUDE: -34.9º LATITUDE: 8º 0 48.1 Sul LONGITUDE: 34º 51 3.4 Oeste CALENDÁRIO DO CÉU COM OS HORÁRIOS DE VISIBILIDADE

Leia mais

Departamento de Astronomia - Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Departamento de Astronomia - Universidade Federal do Rio Grande do Sul Departamento de Astronomia - Universidade Federal do Rio Grande do Sul FIS02010-A - FUNDAMENTOS DE ASTRONOMIA E ASTROFÍSICA A 3.a PROVA - 2012/1 - Turma C NOME: I.Nas questões de 1 a 20, escolhe a alternativa

Leia mais

O Sistema Solar 11/12/2014. Unidade 2 O SISTEMA SOLAR. 1. Astros do Sistema Solar 2. Os planetas do Sistema Solar

O Sistema Solar 11/12/2014. Unidade 2 O SISTEMA SOLAR. 1. Astros do Sistema Solar 2. Os planetas do Sistema Solar Ciências Físico-químicas - 7º ano de escolaridade Unidade 2 O SISTEMA SOLAR O Sistema Solar 1. Astros do Sistema Solar 2. Os planetas do Sistema Solar 2 1 Competências a desenvolver: Caracterização do

Leia mais

E por mais que o homem se torne importante, ele não é nada comparado às estrelas [Caroline Herschel] Paulo Roberto -

E por mais que o homem se torne importante, ele não é nada comparado às estrelas [Caroline Herschel] Paulo Roberto - E por mais que o homem se torne importante, ele não é nada comparado às estrelas [Caroline Herschel] Paulo Roberto - www.laboratoriodopaulo.blogspot.com As constelações Ao longo da história, a humanidade

Leia mais

Astronáutica. Neste primeiro boletim da OBA 2014, gostaria de relembrar os primeiros conceitos sobre as constelações.

Astronáutica. Neste primeiro boletim da OBA 2014, gostaria de relembrar os primeiros conceitos sobre as constelações. Olá amiguinhos! A partir hoje, publicaremos notícias, curiosidas e informações importantes para você que está se preparando para a 17ª Olimpíada Brasileira Astronomia e Astronáutica. Neste primeiro boletim

Leia mais

Universidade da Madeira Estudo do Meio Físico-Natural I Astronomia Problemas propostos

Universidade da Madeira Estudo do Meio Físico-Natural I Astronomia Problemas propostos Universidade da Madeira Estudo do Meio Físico-Natural I Astronomia Problemas propostos J. L. G. Sobrinho 1,2 1 Centro de Ciências Exactas e da Engenharia, Universidade da Madeira 2 Grupo de Astronomia

Leia mais

Estudo para OBA Olimpíada Brasileira de Astronomia. Nível 1. 2º ano Água

Estudo para OBA Olimpíada Brasileira de Astronomia. Nível 1. 2º ano Água Estudo para OBA Olimpíada Brasileira de Astronomia Nível 1 2º ano Água Estrelas Cadentes Ana Beatriz e Giovanna 2º ano Água As Estrelas Cadentes na verdade são rochas. Estrelas cadentes não passam de um

Leia mais

Uma vez que todos já conseguiram identificar no céu as constelações que estudamos até aqui, vamos viajar pelo nosso Sistema Solar.

Uma vez que todos já conseguiram identificar no céu as constelações que estudamos até aqui, vamos viajar pelo nosso Sistema Solar. Olá amiguinhos! Uma vez que todos já conseguiram identificar no céu as constelações que estudamos até aqui, vamos viajar pelo nosso Sistema Solar. Antes mesmo de existir o Sol, nesta mesma região existiam

Leia mais

CONHECENDO A FAMÍLIA DO SOL. META Apresentar as características dos corpos que constituem a família do Sol.

CONHECENDO A FAMÍLIA DO SOL. META Apresentar as características dos corpos que constituem a família do Sol. CONHECENDO A FAMÍLIA DO SOL Aula 2 META Apresentar as características dos corpos que constituem a família do Sol. OBJETIVOS Ao final desta aula, o aluno deverá: diferenciar os astros que compõem o Sistema

Leia mais

5 as Olimpíadas Nacionais de Astronomia

5 as Olimpíadas Nacionais de Astronomia 5 as Olimpíadas Nacionais de Astronomia Prova da eliminatória regional 14 de Abril de 2009 15:00 Duração máxima 120 minutos Nota: Ler atentamente todas as questões. Existe uma tabela com dados no final

Leia mais

Sensoriamento Remoto aplicado ao Monitoramento Ambiental

Sensoriamento Remoto aplicado ao Monitoramento Ambiental Disciplina: Monitoramento e Controle Ambiental Prof.: Oscar Luiz Monteiro de Farias Sensoriamento Remoto aplicado ao Monitoramento Ambiental Andrei Olak Alves 1 2 PROCESSAMENTO DE IMAGENS espectro visível

Leia mais

www.google.com.br/search?q=gabarito

www.google.com.br/search?q=gabarito COLEGIO MÓDULO ALUNO (A) série 6 ano PROFESSOR GABARITO DA REVISÃO DE GEOGRAFIA www.google.com.br/search?q=gabarito QUESTÃO 01. a) Espaço Geográfico RESPOSTA: representa aquele espaço construído ou produzido

Leia mais

EXOPLANETAS EIXO PRINCIPAL

EXOPLANETAS EIXO PRINCIPAL EXOPLANETAS Antes mesmo de eles serem detectados, poucos astrônomos duvidavam da existência de outros sistemas planetários além do Solar. Mas como detectar planetas fora do Sistema Solar? Às suas grandes

Leia mais

Níve v l e 4 Prof. Alex Samyr

Níve v l e 4 Prof. Alex Samyr Nível 4 Prof. Alex Samyr - Origem e desenvolvimento - Origem do universo - Teoria do Big-Bang É a mais antiga das ciências (desde os pré-históricos) Desde a antiguidade o céu é usado como: MAPA, RELÓGIO

Leia mais

SISTEMA SOLAR TERRA, SOL E LUA

SISTEMA SOLAR TERRA, SOL E LUA SISTEMA SOLAR TERRA, SOL E LUA Apresentado por Thays Barreto Março de 2014 TERRA TERRA Terceiro planeta do Sistema Solar, pela ordem de afastamento do Sol; Diâmetro equatorial: 12.756 Km; Diâmetro polar:

Leia mais

Formação estelar e Estágios finais da evolução estelar

Formação estelar e Estágios finais da evolução estelar Elementos de Astronomia Formação estelar e Estágios finais da evolução estelar Rogemar A. Riffel Formação estelar - Estrelas se formam dentro de concentrações relativamente densas de gás e poeira interestelar

Leia mais

Capítulo 8. ESTRELAS : Distâncias e Magnitudes

Capítulo 8. ESTRELAS : Distâncias e Magnitudes Observatórios Virtuais Fundamentos de Astronomia Cap. 8 (Gregorio-Hetem & Jatenco-Pereira Capítulo 8 ESTRELAS : Distâncias e Magnitudes Tendo estudado de que forma as estrelas emitem sua radiação, e em

Leia mais

Universidade Federal do Rio Grande do Sul Instituto de Física Departamento de Astronomia. Estrelas. Prof. Tibério B. Vale

Universidade Federal do Rio Grande do Sul Instituto de Física Departamento de Astronomia. Estrelas. Prof. Tibério B. Vale Universidade Federal do Rio Grande do Sul Instituto de Física Departamento de Astronomia Estrelas Prof. Tibério B. Vale Propriedades Estrelas são esferas autogravitantes de gás ionizado, cuja fonte de

Leia mais

O MUNDO QUE VIVEMOS CAPITULO 1 DO VIANELLO E ALVES METEOROLOGIA BÁSICA E APLICAÇÕES

O MUNDO QUE VIVEMOS CAPITULO 1 DO VIANELLO E ALVES METEOROLOGIA BÁSICA E APLICAÇÕES O MUNDO QUE VIVEMOS CAPITULO 1 DO VIANELLO E ALVES METEOROLOGIA BÁSICA E APLICAÇÕES O SOL E O SISTEMA SOLAR SE ENCONTRA NA VIA-LÁCTEA SIMPLES GRAUM DE AREIA ENTRE AS INCONTAVEIS GALÁXIAS DO UNIVERSO VISÍVEL

Leia mais

Astrofotografia do sistema solar

Astrofotografia do sistema solar Astrofotografia do sistema solar Jéssica de SOUZA ALVES 1 ; Mayler MARTINS 2 1 Estudante do curso Técnico em Informática Integrado ao Ensino Médio, Bolsista de Iniciação Científica Júnior (PIBICJr) FAPEMIG.

Leia mais

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 1ª PROVA PARCIAL DE GEOGRAFIA Aluno(a): Nº Ano: 6º Turma: Data: 26/03/2011 Nota: Professora: Élida Valor da Prova: 50 pontos Assinatura do responsável: Orientações

Leia mais

02- Agrupamento de estrelas que juntas formam figuras imaginárias. R.: 03- Ciência que estudo os corpos celestes. R.:

02- Agrupamento de estrelas que juntas formam figuras imaginárias. R.: 03- Ciência que estudo os corpos celestes. R.: PROFESSOR: EQUIPE DE CIÊNCIAS BANCO DE QUESTÕES - CIÊNCIAS 5º ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ========================================================================== De acordo com as dicas, responda: 01- Foi

Leia mais

06-01-2012. Sumário. O Sistema Solar. Principais características dos planetas do Sistema Solar 05/01/2012. 23 e 24

06-01-2012. Sumário. O Sistema Solar. Principais características dos planetas do Sistema Solar 05/01/2012. 23 e 24 Sumário Os planetas do Sistema Solar e as suas principais características. (BI dos Planetas do Sistema Solar). Atividade Prática de Sala de Aula Características dos planetas. Preenchimento de tabelas,

Leia mais

ÓPTICA. Conceito. Divisões da Óptica. Óptica Física: estuda os fenômenos ópticos que exigem uma teoria sobre a natureza das ondas eletromagnéticas.

ÓPTICA. Conceito. Divisões da Óptica. Óptica Física: estuda os fenômenos ópticos que exigem uma teoria sobre a natureza das ondas eletromagnéticas. ÓPTICA Conceito A óptica é um ramo da Física que estuda os fenomenos relacionados a luz ou, mais amplamente, a radiação eletromagnética, visível ou não. A óptica explica os fenômenos de reflexão, refração

Leia mais

International Space Station - ISS

International Space Station - ISS International Space Station - ISS International Space Station - ISS Agenda O que é a Estação Espacial Internacional (ISS)? O kit da ISS: Propostas de integração no currículo do 3.º ciclo - Algumas questões

Leia mais

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2012

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2012 COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2012 1ª PROVA SUBSTITUTIVA DE GEOGRAFIA Aluno(a): Nº Ano: 6º Turma: Data: Nota: Professor(a): Élida Valor da Prova: 65 pontos Orientações gerais: 1) Número de

Leia mais

O Céu ao Alcance de Todos

O Céu ao Alcance de Todos 1 O Céu ao Alcance de Todos Ramachrisna Teixeira (Departamento de Astronomia, IAG/USP) email: teixeira@astro.iag.usp.br OBS: Adaptado da publicação, pelo mesmo autor, no Caderno de Ensino de Ciências e

Leia mais

Cap. 2: A evolução dos instrumentos astronômicos. Equipe de Ciências 8º Ano do Ensino Fundamental

Cap. 2: A evolução dos instrumentos astronômicos. Equipe de Ciências 8º Ano do Ensino Fundamental Cap. 2: A evolução dos instrumentos astronômicos Equipe de Ciências 8º Ano do Ensino Fundamental Instrumentos astronômicos antigos Relógio de Sol Instrumentos astronômicos antigos Relógio hidráulico Instrumentos

Leia mais

Gustavo Rolan e Luana 2º ano Fantástico

Gustavo Rolan e Luana 2º ano Fantástico 2º ano F Gustavo Rolan e Luana 2º ano Fantástico O Sistema Solar O sistema solar é o conjunto de planetas, planetas anões, asteroides e demais corpos celestes que orbitam ao redor do Sol. Os oito planetas

Leia mais

Christiano Nogueira a [cnogueir@pr.gov.br] Daniel Kurt Lottis b [lottis@ufpr.br] Lúcia Hiar Loss b [lucialoss@yahoo.com.br] L

Christiano Nogueira a [cnogueir@pr.gov.br] Daniel Kurt Lottis b [lottis@ufpr.br] Lúcia Hiar Loss b [lucialoss@yahoo.com.br] L OS FUNDAMENTOS EM ASTRONOMIA PARA ATIVIDADES DE ENSINO EM UM PLANETÁRIO POR FUTUROS PROFESSORES DE FÍSICA. Christiano Nogueira a [cnogueir@pr.gov.br] Daniel Kurt Lottis b [lottis@ufpr.br] Lúcia Hiar Loss

Leia mais

LATITUDE, LONGITUDE E GPS

LATITUDE, LONGITUDE E GPS LATITUDE, LONGITUDE E GPS Anselmo Lazaro Branco* ENTENDA O QUE É LATITUDE, LONGITUDE, E COMO FUNCIONA UM APARELHO DE GPS. GPS O GPS é um aparelho digital de localização, que determinada a posição exata

Leia mais

Movimento Anual do Sol, Fases da Lua e Eclipses

Movimento Anual do Sol, Fases da Lua e Eclipses Elementos de Astronomia Movimento Anual do Sol, Fases da Lua e Eclipses Rogemar A. Riffel Sol, Terra e Lua Movimento Diurno do Sol Relembrando a aula passada De leste para oeste; O círculo diurno do Sol

Leia mais

Ciclo: 3º Ano: 7º Disciplina: Físico-Química. Atividades / Estratégias. Nº aulas previstas. Avaliação

Ciclo: 3º Ano: 7º Disciplina: Físico-Química. Atividades / Estratégias. Nº aulas previstas. Avaliação código 171608 AGRUPAMENTO DE ESCOLAS D. DOMINGOS JARDO Direção Regional de Educação de Lisboa Ciclo: º Ano: 7º Disciplina: Físico-Química Conteúdos I - O Universo 1. O que existe no Universo 1.1 Estrutura

Leia mais

PROF. RICARDO TEIXEIRA O UNIVERSO E O SISTEMA SOLAR

PROF. RICARDO TEIXEIRA O UNIVERSO E O SISTEMA SOLAR PROF. RICARDO TEIXEIRA O UNIVERSO E O SISTEMA SOLAR Teorias da origem do Universo O Universo É tudo que existe; é o conjunto formado pelos planetas, cometas, estrelas, galáxias, etc. Existem várias teorias

Leia mais

SITUAÇÃO DE APRENDIZAGEM 1 O QUE VEMOS NO CÉU? Levantamento inicial. Delimitando o céu para o estudo da Astronomia

SITUAÇÃO DE APRENDIZAGEM 1 O QUE VEMOS NO CÉU? Levantamento inicial. Delimitando o céu para o estudo da Astronomia SITUAÇÃO DE APRENDIZAGEM 1 O QUE VEMOS NO CÉU? Levantamento inicial Páginas 3-4 1. Esperam-se respostas como: Lua, estrelas, nuvens, Sol, pássaros, aviões, satélites etc. 2. Resposta pessoal. Caso os alunos

Leia mais

Radiação Solar como forçante climática

Radiação Solar como forçante climática Radiação Solar como forçante climática O Sol fornece 99,97 % Emite 2,34 x10 22 MJ/min. Terra intercepta apenas 1,06 x 10 13 MJ (milionésimo) Milhares de vezes maior que consumo anual de energia no planeta.

Leia mais

ÓRBITA ILUMINADA HU F 152/ NT4091

ÓRBITA ILUMINADA HU F 152/ NT4091 ÓRBITA ILUMINADA HU F 152/ NT4091 INTRODUÇÃO Trata-se de um modelo científico de trabalho, representando o Sol, a Terra e a Lua, e mostrando como estes se relacionam entre si. Foi concebido para mostrar

Leia mais

Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica Corpo de Criação e Desenvolvimento. Processo de Seleção para Olimpíadas Internacionais de 2012

Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica Corpo de Criação e Desenvolvimento. Processo de Seleção para Olimpíadas Internacionais de 2012 Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica Corpo de Criação e Desenvolvimento Processo de Seleção para Olimpíadas Internacionais de 2012 Primeira Prova Nesta prova há 32 questões de diferentes níveis

Leia mais

Planificação Anual de Ciências Físico-Químicas 7º ano

Planificação Anual de Ciências Físico-Químicas 7º ano Agrupamento de Escolas À Beira Douro ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA À BEIRA DOURO - MEDAS Planificação Anual de Ciências Físico-Químicas 7º ano TEMA A: Terra no Espaço 1º Período 1 UNIVERSO Questão central

Leia mais

Propriedades Planetas Sol Mercúrio Vênus Terra. O Sistema Solar. Introdução à Astronomia Fundamental. O Sistema Solar

Propriedades Planetas Sol Mercúrio Vênus Terra. O Sistema Solar. Introdução à Astronomia Fundamental. O Sistema Solar Introdução à Astronomia Fundamental Distribuição de Massa Sol: 99.85% Planetas: 0.135% Cometas: 0.01%? Satélites: 0.00005% Asteroides e Planetas Menores: 0.0000002%? Meteoróides: 0.0000001%? Meio Interplanetário:

Leia mais

Insígnia de Competência de Astrónomo Alguns apontamentos para Exploradores

Insígnia de Competência de Astrónomo Alguns apontamentos para Exploradores Insígnia de Competência de Astrónomo Alguns apontamentos para Exploradores 1 Conhecer a influência do sol, terra e lua nas estações do ano (exs: culturas, flores, frutos, árvores, entre outros) 2 Conhecer

Leia mais

Meios de Propagação. Raios e Feixes de Luz. O que é a Luz 2/4/2012. Fundamentos de. Fontes de Luz. Óptica Geométrica NÃO. Tipos de Pincéis de luz

Meios de Propagação. Raios e Feixes de Luz. O que é a Luz 2/4/2012. Fundamentos de. Fontes de Luz. Óptica Geométrica NÃO. Tipos de Pincéis de luz Óptica Geométrica Módulo 1 Óptica Geométrica : Estuda o comportamento de um raio de luz desde o momento que é emitido por uma fonte de luz, até a cegada a um sistema óptico para formação de imagens. Fundamentos

Leia mais

AUTORES: NANCY MARTINS DE SÁ STOIANOV

AUTORES: NANCY MARTINS DE SÁ STOIANOV Ciências AUTORES: NANCY MARTINS DE SÁ STOIANOV Graduada em História e Pedagogia, Doutora em Filosofia e Metodologia de Ensino, Autora da Metodologia ACRESCER. REGINALDO STOIANOV Licenciatura Plena em Biologia,

Leia mais

SOCIEDADE ASTRONÔMICA BRASILEIRA SAB IV Olimpíada Brasileira de Astronomia IV OBA Gabarito da Prova de nível I (para alunos de 1ª à 4ª série)

SOCIEDADE ASTRONÔMICA BRASILEIRA SAB IV Olimpíada Brasileira de Astronomia IV OBA Gabarito da Prova de nível I (para alunos de 1ª à 4ª série) SOCIEDADE ASTRONÔMICA BRASILEIRA SAB IV Olimpíada Brasileira de Astronomia IV OBA Gabarito da Prova de nível I (para alunos de 1ª à 4ª série) GABARITO NÍVEL 1 (Cada questão vale 1 ponto sendo que cada

Leia mais

Astrofotografia do sistema solar e objetos de fundo de céu

Astrofotografia do sistema solar e objetos de fundo de céu Astrofotografia do sistema solar e objetos de fundo de céu Jackson Rodrigues ALVES¹, Fabiana Almeida PINTO¹, Kamyla Espíndola Gibram REIS 2, Mayler MARTINS³ ¹Estudante de Licenciatura em Física, Bolsista

Leia mais

Maqueta do Sistema Solar

Maqueta do Sistema Solar Projecto Com a Cabeça na Lua OASA - Observatório Astronómico de Santana Açores Maqueta do Sistema Solar Fundamentos teóricos Já vimos que o Universo se encontra povoado por milhões de galáxias, estando

Leia mais

Universidade Federal Fluminense

Universidade Federal Fluminense Universidade Federal Fluminense Curso de Formação continuada em Astronomia Para professores de Educação Básica Prof. Dr. Tibério Borges Vale Projeto de Extensão O uso da Astronomia como elemento didático

Leia mais

CONTEÚDOS COMPETÊNCIAS ESTRATÉGIAS/ACTIVIDADES Articulação com

CONTEÚDOS COMPETÊNCIAS ESTRATÉGIAS/ACTIVIDADES Articulação com PLANIFICAÇÃO ANUAL DE CIÊNCIAS FÍSICO-QUÍMICAS 7ºANO Ano letivo 2012-2013 CONTEÚDOS COMPETÊNCIAS ESTRATÉGIAS/ACTIVIDADES Articulação com Apresentação 1.1. O Universo 1.1.1. O que existe no Universo: Estrelas

Leia mais

Autor: (C) Ángel Franco García. Ptolomeu e Copérnico. Os planetas do Sistema Solar. Os satélites. Atividades

Autor: (C) Ángel Franco García. Ptolomeu e Copérnico. Os planetas do Sistema Solar. Os satélites. Atividades Nesta página eu apenas traduzi podendo ter introduzido, retirado ou não alguns tópicos, inclusive nas simulações. A página original, que considero muito boa é: Autor: (C) Ángel Franco García O Sistema

Leia mais

Aula 08 Sistema Solar

Aula 08 Sistema Solar Aula 08 Sistema Solar Hipótese de Laplace: como surgiu o sistema solar a partir da Nebulosa primordial. (1), (2) A conservação do momento angular requer que uma nuvem em rotação e em contração, deve girar

Leia mais

Estrutura da Terra Contributos para o seu conhecimento

Estrutura da Terra Contributos para o seu conhecimento Estrutura da Terra Contributos para o seu conhecimento O Sistema Solar Generalidades Origem do Sistema Solar A Teoria mais aceite para explicar a origem do Sistema Solar é a Teoria Nebular. Segundo esta

Leia mais

PLANO DE ESTUDOS DE FÍSICO-QUÍMICA 7.º ANO

PLANO DE ESTUDOS DE FÍSICO-QUÍMICA 7.º ANO DE FÍSICO-QUÍMICA 7.º ANO Ano Letivo 2015 2016 PERFIL DO ALUNO O aluno é capaz de: o Conhecer e compreender a constituição do Universo, localizando a Terra, e reconhecer o papel da observação e dos instrumentos

Leia mais

PLANETA JÚPITER: O ASTRO DO VERÃO. O

PLANETA JÚPITER: O ASTRO DO VERÃO. O EFEMÉRIDES DO MÊS DE JANEIRO DE 2014 (DIA, HORA E MINUTOS PARA OLINDA E GRANDE RECIFE NO HORÁRIO LOCAL -3 HORAS DO TEMPO UNIVERSAL SEM HORÁRIO DE VERÃO)* * Por Alexandre Evangelista da Silva, Professor

Leia mais