IGREJA PRESBITERIANA DO JARDIM BRASIL ESTUDO BÍBLICO QUARTA-FEIRA REV. HELIO SALES RIOS

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "IGREJA PRESBITERIANA DO JARDIM BRASIL ESTUDO BÍBLICO QUARTA-FEIRA REV. HELIO SALES RIOS"

Transcrição

1 IGREJA PRESBITERIANA DO JARDIM BRASIL ESTUDO BÍBLICO QUARTA-FEIRA REV. HELIO SALES RIOS

2 INTRODUÇÃO Culto é um serviço Espiritual oferecido a Deus. Expressão mais profunda do nossos sentimentos de adoração a Deus. Compreende: louvor, confissão, ação de graça, submissão e a dedicação a Deus de nossa vida e de nossos bens. Modos: racional, espiritual e verdadeiro. É LITURGIA. Liturgia: Serviço do Povo, entre os judeus: Serviço Religioso Oferecido a Deus. Mas o que é, e como se dá esse serviço? Liturgia é Adoração: Atos 13:2 adoração tendo como resultado...?

3 Liturgia é Sacrifício: Romanos 15:16 para obra missionária Liturgia é Amor: 2 Coríntios 9:12 participação da comunhão Liturgia é Culto Racional: Romanos 12:1 compreensão do relacionamento entre Deus e o homem Princípios de liturgia remontam a um povo que adora ao Senhor, entrando em comunhão com Ele. De maneira geral e sucinta podemos dar essa cronologia bíblica: 1. No Éden Adão mantinha uma contato diário com Deus; 2. Fora do Éden Gn. 4 fala dos cultos em Caim e Abel; 3. Época de Sete Gn. 4:26 o nome do Senhor começou a ser invocado; 4. Após o Dilúvio Gn. 8:20-21 Noé edifica altar ao Senhoe; 5. Na época de Abraão Siquém, Betel (Gn 12:6-8), Hebrom 13:18; 6. na história de Jacó e seus descendentes Gn. 33:18-20

4 1. AS PARTES LITURGICAS DO CULTO O culto é uma experiência do homem com Deus. Experiência, entretanto, bastante variada que constitui as partes da liturgia: 1.1. A Adoração de um Deus que é Soberano, Santo e Justo Orações e expressões de glorificação e exaltação do nome de Deus (Ap. 19:1-7) O Reconhecimento de Nosso Estado de Pecaminosidade e Necessidade que Sentimos do Perdão de Deus Experiência de Isaías e de Davi, este, quando confrontado pelo seu pecado (Is. 6:5, Sl 51) Momento Gratulatório Onde expressamos diante de Deus os nossos sentimentos mais profundos de gratidão, em:

5 1.3.1 Bênçãos Materiais (Tg. 1:17) Pelo Perdão (1 Jo. 2:1-2) Pela Salvação em Cristo (Rm. 8:28-30) Bênçãos Espirituais em Cristo (Ef. 1:3) 1.4. Momento de Edificação - Clímax do Culto, momento em que Deus fala de maneira especial ao homem e ele ouve. Hora do comissionamento de Deus com os seguintes objetivos: Convite a aceitar a Cristo como seu Senhor e Salvador (At. 2:37-40) Convite ao ouvinte participar do seu processo de edificação (1 Co. 14:4-5, 17-26) Convite ao ouvinte a participar do ministério do Senhor (Mt 28:18-20) 1.5. Momento de Dedicação relacionada com a anterior. Resposta do homem ao comissionamento de Deus.

6 1.6. A Conclusão do Culto Desfecho final que deve deixar o ouvinte impregnado e impressionado com as realidades da vida espiritual, através de um apelo, de um hino, de uma oração, e depois disso, segue-se a benção e o amém.

7 2. PRINCÍPIOS REGULADORES 2.1. Participação da Igreja Prestado pela comunidade com a participação de cada indivíduo, através de cânticos, leituras bíblicas e orações Unidade Todas as partes devem ser coerentes com esse propósito Continuidade As partes do culto não são compartimentos estanques, há uma sequencia de experiências, com o objetivo: Glorificação do nome de Deus Variação Nos Judeus foi sempre invariável por conta das leis. Na Igreja Cristã em virtude da liberdade que a Graça nos outorga, onde a Palavra do Senhor é o clímax dessa liturgia, mas há: instrumentos, músicas, litanias, etc Alteração As partes do culto deve ser usadas de modo a permitir uma certa alternação no dialogo entre Deus e o homem. Deus fala, o homem responde, o homem fala, Deus responde.

8 3. O CULTO NO ANTIGO TESTAMENTO 3.1. Fundamentos Básicos Objetivo de Deus ao homem: Sede Santos, como eu, o Senhor vosso Deus, sou santo O Lugar do Culto: O Tabernáculo (Ex.40) Levantado segundo a determinação do Senhor (Ex. 35:11-19),onde o Senhor aparecia em Glória (Ex. 40:34) O Templo Ordenado por Deus (1 Cr. 14:4-12), construído por Salomão (1 Cr. 21:28-30 cf com 1 Cr. 22:1). Destruído pelos babilônios (2 Rs. 25:9,13-17). Reconstruído no tempo de Zorobabel (Ed. 6:3,12). Terceiro templo construído por Herdes em 67 a.c. Em seu lugar esta hojeedificada a célebre Mesquita de Omar As diversas Partes do Culto entre os Hebreus Já, com uma ordem litúrgica estabelecida pelo próprio Deus:

9 3.3.1 Chamamento O Povo era chamado a comparecer perante um Deus Santo; Convite à Santificação Por meio de ofertas: queimadas (holocausto) demanjares (Lv. 1 e 2) depaz ou degraça pelos pecados (Lv. 3 e 4) pelas ofensas (Lv. 5:1-6;7) Santificação e Consagração Povo convidado a tomar atitude de santificação e consagração através das santas convocações: sábado semanal pães asmos ou festa dos Tabernáculos Pentecostes comemoração do ano do Jubileu Partes das Cerimônias Religiosas: Visão da Santidade de Deus Visão do Pecado do homem, necessidade do perdão Sentimento de gratidão diante de um Deus gracioso A visão da mensagem de Deus Dedicação ao Deus soberano

10 4. O CULTO NA IGREJA PRIMITIVA Houve a princípio uma transição: os discípulos se reuniam no templo ou nas sinagogas. Vieram as perseguições e eles procuravam as casas dos irmãos para fazer as suas reuniões (At. 2:46; 4:30; 20:20; 21:18; Rm. 16:3-5; 1 Co. 16:19; Cl. 4:15 e Fm. 2). Utilizavam os mesmos critérios de liturgia do A.T.: louvor a Deus, confissão de pecados, ação de graças, doutrinamento e consagração ao serviço de Deus (Colossenses 3:12-17)

11 5. A NATUREZA DO CULTO DE DEUS O culto é um diálogo no qual Deus fala e o homem responde. Podemos analisar a natureza do culto da seguinte maneira: 5.1. Adoração no qual nós reconhecemos sua soberania, santidade e onipresença especial, de acordo com o decálogo (Ex. 20:1-7) 5.2. Sacrifício desde o A.T. nos holocaustos (Lv. 1), segundo o Velho Concerto e renovado no N.T. (Rm. 12:1) 5.3. Ação de Graças fazia parte do culto diário, individual ou coletivo desde os tempos do A.T. e estava profundamente relacionado com o louvor a Deus ( Sl 30:12; 92:1; 147:7; At. 25:35; Rm 14: 6; Cl 4:2)

12 5.4. Consagração A dedicação ao serviço de Deus é uma exigência do próprio Deus e da nossa condição de servos. Arão e seus filhos foram consagrados ao Senhor (Ex. 29:9), o altar (Ex. 39:37) a casa do Senhor (1Rs. 8:63). Havia momentos em que Deus exigia a consagração do povo (Lv. 8:33; 11:14). Era também comum os votos de consagração de pessoas. No N.T. a igreja primitiva (apostólica) incluía a consagração no processo do culto Liturgia É um processo de comunicação com Deus, em Espírito e em verdade (João 4:24)

13 6. CONCLUSÃO O catecismo diz que o fim principal do homem é glorificar a Deus e fazer o que Ele manda. Este propósito constitui o seguinte do homem: 6.1. Louvar a Deus (Salmo 84:4) 6.2. Edificar a Igreja pelas Palavras e pela oração (Sl 84:1-12; 1 Co. 14:4-26) 6.3. Fazer discípulos por meio da proclamação da Palavra (Mateus 18:19-20) 6.4. Expressar a unidade do povo de Deus (Atos 2:13,14; 2:46) 6.5. Consciência da presença de Deus (Is. 6:1-5; 1 Cr. 29:10-20) 6.6. Consciência de seu estado (Is. 6:5; Sl 51; 32:1-5) 6.7. Consciência do perdão (Sl 103:1-14; 32:5; 138:1-3; Is. 6:6-7) 6.8. Diálogo do homem com Deus que responde (Is. 6:8-9; At. 4:31)

Secretaria de Espiritualidade. Colaborar com a Presidente no planejamento da atividade de toda parte devocional da Sociedade.

Secretaria de Espiritualidade. Colaborar com a Presidente no planejamento da atividade de toda parte devocional da Sociedade. Secretaria de Espiritualidade Colaborar com a Presidente no planejamento da atividade de toda parte devocional da Sociedade. O que é liturgia? Roteiro do Culto; Ordem do Culto; Levar as pessoas a disposição

Leia mais

MINISTÉRIO PESSOAL (1) TEXTO BASE 1PEDRO 4:10-11. Rev. Helio Sales Rios Igreja Presbiteriana do Jardim Brasil Estudo Bíblico Quartas-Feiras

MINISTÉRIO PESSOAL (1) TEXTO BASE 1PEDRO 4:10-11. Rev. Helio Sales Rios Igreja Presbiteriana do Jardim Brasil Estudo Bíblico Quartas-Feiras MINISTÉRIO PESSOAL (1) TEXTO BASE 1PEDRO 4:10-11 Rev. Helio Sales Rios Igreja Presbiteriana do Jardim Brasil Estudo Bíblico Quartas-Feiras INTRODUÇÃO O grande problema que a igreja enfrenta hoje, para

Leia mais

LITURGIA DO CULTO DOMINICAL

LITURGIA DO CULTO DOMINICAL Rev. Ivan Carlos Costa Martins LITURGIA DO CULTO DOMINICAL Liturgia é mais do que o programa do culto. É o próprio serviço que a comunidade de fé oferece a Deus em Jesus Cristo por meio do Espírito Santo.

Leia mais

O Discipulado e a Vida da Igreja

O Discipulado e a Vida da Igreja Série Estudo Bíblico Nº 06 O Discipulado e a Vida da Igreja Um Estudo Bíblico Sobre Adoração e Louvor Ademir Ifanger E s t u d o s B í b l i c o s P á g i n a 2 Índice Introdução... 03 1. Definindo Adoração

Leia mais

CRISTOLOGIA: DOUTRINA DE CRISTO

CRISTOLOGIA: DOUTRINA DE CRISTO CRISTOLOGIA: DOUTRINA DE CRISTO ETERNIDADE DEUS PAI LOGUS ESPIRITO SANTO A TRINDADE 1Jo.5.7 LOGUS QUER DIZER PALAVRA OU VERBO SE REFERE AO FILHO NA ETERNIDADE I - SUA PRÉ-EXISTÊNCIA 1 - SUA EXISTÊNCIA

Leia mais

Saiamos pois, a Ele, fora do arraial... Ademir Ifanger

Saiamos pois, a Ele, fora do arraial... Ademir Ifanger Saiamos pois, a Ele, fora do arraial... Introdução Almejamos uma nova compreensão da espiritualidade, que nos impulsione a realizar o projeto integral de Deus, expressando assim genuína adoração (Jo 4.23-24).

Leia mais

Aula 1 Introdução e definição de termos

Aula 1 Introdução e definição de termos Aula 1 Aula 1 Introdução e definição de termos - Apresentação da Teologia do Culto (Adoração e Louvor - Definição dos principais termos relacionados à matéria Objetivo: ao final da aula, o aluno terá em

Leia mais

O povo judeu e sua religião

O povo judeu e sua religião A Vida de JESUS O povo judeu e sua religião O POVO JUDEU Religião Deus e o relacionamento com o homem O Tabernáculo A Arca da Aliança O Templo As Escrituras As Sinagogas Grupos religiosos O POVO JUDEU

Leia mais

Pr. Ademilson Ribeiro Presidente do Ministério Graça Plena

Pr. Ademilson Ribeiro Presidente do Ministério Graça Plena Pr. Ademilson Ribeiro Presidente do Ministério Graça Plena Texto: (2º cor 9.6) "Celebrai com júbilo ao Senhor" Introdução Ao completar dez anos (10) de existência, o Ministério Graça Plena chega em 2014,

Leia mais

ELABORAÇÃO UMA LITURGIA. Adoração e Louvor Aula 10

ELABORAÇÃO UMA LITURGIA. Adoração e Louvor Aula 10 ELABORAÇÃO UMA LITURGIA Adoração e Louvor Aula 10 Os cânticos e hinos devem ser previamente escolhidos conforme o tema do culto, a mensagem e o momento litúrgico. Exemplo Prático: Liturgia do dia 01-12-2013

Leia mais

Esperança em um mundo mal Obadias 1-21. Propósito: Confiar em Cristo independente do mundo em que vivemos.

Esperança em um mundo mal Obadias 1-21. Propósito: Confiar em Cristo independente do mundo em que vivemos. Esperança em um mundo mal Obadias 1-21 Propósito: Confiar em Cristo independente do mundo em que vivemos. Introdução Obadias É o livro mais curto do Antigo Testamento. Quase nada se sabe sobre o autor.

Leia mais

ADORAÇÃO IRRESISTÍVEL Adoradores quebrantados movendo o coração de Deus

ADORAÇÃO IRRESISTÍVEL Adoradores quebrantados movendo o coração de Deus ADORAÇÃO IRRESISTÍVEL Adoradores quebrantados movendo o coração de Deus LEMA E VISÃO 2012.2015 ADORAÇÃO IRRESISTÍVEL Adoradores quebrantados movendo o coração de Deus Por Pr. Amadilson de Paula Diretor

Leia mais

Introdução à 26/05/2011 A doutrina de Cristo segundo as escrituras Divindade de Cristo O que a história da igreja fala sobre o assunto? A Igreja Primitiva No início do século II, o cristianismo era uma

Leia mais

REV. HELIO SALES RIOS IGREJA PRESBITERIANA JD. BRASIL ESTUDO QUARTA FEIRA

REV. HELIO SALES RIOS IGREJA PRESBITERIANA JD. BRASIL ESTUDO QUARTA FEIRA REV. HELIO SALES RIOS IGREJA PRESBITERIANA JD. BRASIL ESTUDO QUARTA FEIRA INTRODUÇÃO A oração genuína e total nada mais é do que amor Agostinho Segundo O. Hallesby, a essência da nossa oração é abrirmos

Leia mais

QUEM É JESUS. Paschoal Piragine Jr 1 31/08/2015

QUEM É JESUS. Paschoal Piragine Jr 1 31/08/2015 1 QUEM É JESUS Jo 1 26 Respondeu João: Eu batizo com água, mas entre vocês está alguém que vocês não conhecem. 27 Ele é aquele que vem depois de mim, e não sou digno de desamarrar as correias de suas sandálias

Leia mais

A Igreja é uma santa sociedade cristã para santa comunhão ordinária e ajuda mútua no culto público a Deus e no santo viver.

A Igreja é uma santa sociedade cristã para santa comunhão ordinária e ajuda mútua no culto público a Deus e no santo viver. A Igreja é uma santa sociedade cristã para santa comunhão ordinária e ajuda mútua no culto público a Deus e no santo viver. Richard Baxter Contexto: Os puritanos surgiram para apoiar e desejar a reforma

Leia mais

Personal Commitment Guide. Guia de Compromisso Pessoal

Personal Commitment Guide. Guia de Compromisso Pessoal Personal Commitment Guide Guia de Compromisso Pessoal Nome da Igreja ou Evento Nome do Conselheiro Telefone 1. Salvação >Você já atingiu um estágio na vida em que você tem a certeza da vida eterna e que

Leia mais

Apostila de Fundamentos. Arrependimento. Arrependei-vos, pois, e convertei-vos para serem cancelados os vossos pecados...

Apostila de Fundamentos. Arrependimento. Arrependei-vos, pois, e convertei-vos para serem cancelados os vossos pecados... Apostila de Fundamentos Arrependimento Arrependei-vos, pois, e convertei-vos para serem cancelados os vossos pecados... (Atos 3:19) A r r e p e n d i m e n t o P á g i n a 2 Arrependimento É muito importante

Leia mais

Pensando no Culto. Aula 21/12/2014 Prof. Lucas Rogério Caetano Ferreira

Pensando no Culto. Aula 21/12/2014 Prof. Lucas Rogério Caetano Ferreira Pensando no Culto Aula 21/12/2014 Prof. Lucas Rogério Caetano Ferreira #osfieispiram! As vossas festas de lua nova e as vossas solenidades, a minha alma as aborrece; já me são pesadas; estou cansado de

Leia mais

UMA AVALIAÇÃO DA MÚSICA DA NOSSA IGREJA

UMA AVALIAÇÃO DA MÚSICA DA NOSSA IGREJA UMA AVALIAÇÃO DA MÚSICA DA NOSSA IGREJA Aula 8 Objetivo: Capacitar o aluno para avaliar toda música (os hinos, cânticos espirituais, solos, cânticos para o coral, etc.) que cantamos e ouvimos. Segunda

Leia mais

Todos Batizados em um Espírito

Todos Batizados em um Espírito 1 Todos Batizados em um Espírito Leandro Antonio de Lima Podemos ver os ensinos normativos a respeito do batismo com o Espírito Santo nos escritos do apóstolo Paulo, pois em muitas passagens ele trata

Leia mais

Exorto, pois, antes de tudo que se façam súplicas, orações, intercessões, e ações de graças por todos os homens. (1 Timóteo 2:1)

Exorto, pois, antes de tudo que se façam súplicas, orações, intercessões, e ações de graças por todos os homens. (1 Timóteo 2:1) Ministério de Intercessão A Intercessão e a Batalha Espiritual Exorto, pois, antes de tudo que se façam súplicas, orações, intercessões, e ações de graças por todos os homens. (1 Timóteo 2:1) O que é Intercessão?

Leia mais

O PAI É MAIOR DO QUE O FILHO

O PAI É MAIOR DO QUE O FILHO O PAI É MAIOR DO QUE O FILHO O PAI É MAIOR DO QUE O FILHO Vós ouviste o que vos disse: Vou e retorno a vós. Se me amásseis, ficaríeis alegres por eu ir para o Pai, porque o Pai é maior do que eu. João

Leia mais

Lição Oito. O Culto a Deus. Que É Culto? adoração da parte da pessoa que pensa acerca de Deus. O culto é a reação humana à glória,

Lição Oito. O Culto a Deus. Que É Culto? adoração da parte da pessoa que pensa acerca de Deus. O culto é a reação humana à glória, Livro 1 página 57 Lição Oito O Culto a Deus Que É Culto? O culto é o ato de reconhecer a Deus por quem Ele é. Inclui uma atitude de reverência, devoção e adoração da parte da pessoa que pensa acerca de

Leia mais

Os encontros de Jesus. sede de Deus

Os encontros de Jesus. sede de Deus Os encontros de Jesus 1 Jo 4 sede de Deus 5 Ele chegou a uma cidade da Samaria, chamada Sicar, que ficava perto das terras que Jacó tinha dado ao seu filho José. 6 Ali ficava o poço de Jacó. Era mais ou

Leia mais

Índice Introdução... 13 Abreviaturas... 17 1. Natureza da liturgia cristã... 21 1.1. O termo liturgia... 21 1.1.1. No helenismo... 22 1.1.2. No Antigo Testamento... 22 1.1.3. No Novo Testamento... 23 1.1.4.

Leia mais

ASSEMBLEIA DO RENOVAMENTO CARISMÁTICO DA DIOCESE DO PORTO 21 de Abril de 2012

ASSEMBLEIA DO RENOVAMENTO CARISMÁTICO DA DIOCESE DO PORTO 21 de Abril de 2012 ASSEMBLEIA DO RENOVAMENTO CARISMÁTICO DA DIOCESE DO PORTO 21 de Abril de 2012 Mantendo-vos, portanto, firmes, tendo cingido os vossos rins com a verdade, vestindo a couraça da justiça e calçando os pés

Leia mais

CURSO DE BÍBLIA ANTIGO TESTAMENTO CHAMADO POR DEUS. Paróquia de São Benedito Santa Cruz do Rio Pardo SP

CURSO DE BÍBLIA ANTIGO TESTAMENTO CHAMADO POR DEUS. Paróquia de São Benedito Santa Cruz do Rio Pardo SP CURSO DE BÍBLIA ANTIGO TESTAMENTO A HISTÓRIA DE UM POVO CHAMADO POR DEUS Paróquia de São Benedito Santa Cruz do Rio Pardo SP APRESENTAÇÃO Vocês têm em suas mãos o Curso de Bíblia. Este curso já tem sua

Leia mais

Porque Deus mandou construir o tabernáculo?

Porque Deus mandou construir o tabernáculo? Aula 39 Área da Adoração Êxodo 19:5~6 Qual o significado de: vós me sereis reino sacerdotal? Significa que toda a nação, não parte, me sereis reino sacerdotal, povo santo, nação santa. Israel era uma nação

Leia mais

BASES DA CONVERSÃO CRISTÃ E DO DISCIPULADO

BASES DA CONVERSÃO CRISTÃ E DO DISCIPULADO BASES DA CONVERSÃO CRISTÃ E DO DISCIPULADO O que é uma pessoa cristã? É a pessoa que acredita que o Deus vivo é revelado em e por meio de Jesus Cristo, que aceita Jesus Cristo como Senhor e Salvador, que

Leia mais

18 Estudos Bíblicos para Evangelismo e Discipulado

18 Estudos Bíblicos para Evangelismo e Discipulado LIÇÃO 1 - EXISTE UM SÓ DEUS 18 Estudos Bíblicos para Evangelismo e Discipulado A Bíblia diz que existe um único Deus. Tiago 2:19, Ef. 4 1- O Deus que Criou Todas as coisas, e que conduz a sua criação e

Leia mais

"Ajuntai tesouros no céu" - 5

Ajuntai tesouros no céu - 5 "Ajuntai tesouros no céu" - 5 Mt 6:19-21 Temos procurado entender melhor através das escrituras, o que Jesus desejou ensinar aos seus discípulos nesta sequência de palavras, e pra isso, estudamos algumas

Leia mais

ESTAÇÃO VERÃO BELÉM 2015

ESTAÇÃO VERÃO BELÉM 2015 Adoração da Igreja - Atos 2: 43-47 ESTAÇÃO VERÃO BELÉM 2015 1 INTRODUÇÃO Semana passada, compartilhamos em Atos o Silêncio Impossível que impactou a todos, com um Evangelho ousado e cheio de coragem. O

Leia mais

OS SACRAMENTOS. O que é um Sacramento?

OS SACRAMENTOS. O que é um Sacramento? OS SACRAMENTOS Os sacramentos da nova lei foram instituídos por Cristo e são sete, a saber: o Batismo, a Crisma ou Confirmação, a Eucaristia, a Penitência, a Unção dos Enfermos, a Ordem e o Matrimônio.

Leia mais

EXAMINAI TUDO E RETENDE O BEM

EXAMINAI TUDO E RETENDE O BEM EXAMINAI TUDO E RETENDE O BEM Quero iniciar este estudo a chamar a atenção do amigo leitor sobre o seguinte versículo da Bíblia: "Antes santificai a CRISTO, como Senhor, em vossos corações; e estai sempre

Leia mais

A Bíblia é para nós, cristãos, o ponto de referência de nossa fé, uma luz na caminhada de nossa vida.

A Bíblia é para nós, cristãos, o ponto de referência de nossa fé, uma luz na caminhada de nossa vida. LITURGIA DA PALAVRA A Palavra de Deus proclamada e celebrada - na Missa - nas Celebrações dos Sacramentos (Batismo, Crisma, Matrimônio...) A Bíblia é para nós, cristãos, o ponto de referência de nossa

Leia mais

LOUVOR, FRUTO DA VIDA ESPIRITUAL Sl 137:1-6 (vs. 4);... Mas como entoaremos o cântico do Senhor em terra estranha?

LOUVOR, FRUTO DA VIDA ESPIRITUAL Sl 137:1-6 (vs. 4);... Mas como entoaremos o cântico do Senhor em terra estranha? LOUVOR, FRUTO DA VIDA ESPIRITUAL Sl 137:1-6 (vs. 4);... Mas como entoaremos o cântico do Senhor em terra estranha? 1 - INTRODUÇÃO O salmista fala da situação daqueles que foram levados ao cativeiro da

Leia mais

A Diferença entre DEUS e seu FILHO

A Diferença entre DEUS e seu FILHO A Diferença entre DEUS e seu FILHO João 4.22 Vós adorais o que não sabeis; nós adoramos o que sabemos porque a salvação vem dos judeus. Mateus 15.9 Mas, em vão me adoram, ensinando doutrinas que são preceitos

Leia mais

Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vai ao Pai senão por mim

Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vai ao Pai senão por mim 5º DOMINGO DA PÁSCOA 18 de maio de 2014 Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vai ao Pai senão por mim Leituras: Atos 6, 1-7; Salmo 32 (33), 1-2,4-5.18-19; Primeira Carta de Pedro 2, 4-9; João

Leia mais

SANTÍSSIMO CORPO E SANGUE DE CRISTO

SANTÍSSIMO CORPO E SANGUE DE CRISTO Quinta-feira depois da Santíssima Trindade ou no Domingo seguinte SANTÍSSIMO CORPO E SANGUE DE CRISTO Solenidade LEITURA I Ex 24, 3-8 «Este é o sangue da aliança que Deus firmou convosco» Leitura do Livro

Leia mais

CONHECENDO O ESPÍRITO SANTO. APOSTILA DA CLASSE DE NOVOS MEMBROS Volume 06 de 07

CONHECENDO O ESPÍRITO SANTO. APOSTILA DA CLASSE DE NOVOS MEMBROS Volume 06 de 07 CONHECENDO O ESPÍRITO SANTO APOSTILA DA CLASSE DE NOVOS MEMBROS Volume 06 de 07 A trindade sempre existiu, mas se apresenta com maior clareza com vinda de Cristo e a redação do Novo Testamento. Por exemplo,

Leia mais

PÁSCOA (Lv. 23:5) 1. O que é a Páscoa: 2. O Dia da Páscoa: Calendário Lunar Judaico e seus meses correspondentes no Calendário Solar ou Juliano

PÁSCOA (Lv. 23:5) 1. O que é a Páscoa: 2. O Dia da Páscoa: Calendário Lunar Judaico e seus meses correspondentes no Calendário Solar ou Juliano PÁSCOA (Lv. 23:5) 1. O que é a Páscoa: Páscoa no hebraico é pessach que significa passagem ou passar por cima: "...é a páscoa do Senhor" (Ex.12:11), "Porque o Senhor passará para ferir os egípcios..."

Leia mais

Consolidação para o Discipulado - 1

Consolidação para o Discipulado - 1 Consolidação para o Discipulado - 1 Fortalecendo o novo convertido na Palavra de Deus Rev. Edson Cortasio Sardinha Consolidador/a: Vida consolidada: 1ª Lição: O Amor de Deus O amor de Deus está presente

Leia mais

Por isso, redescobrir a Eucaristia na plenitude é redescobrir o CRISTO. Hoje queremos agradecer este grande dom, que Cristo nos deu.

Por isso, redescobrir a Eucaristia na plenitude é redescobrir o CRISTO. Hoje queremos agradecer este grande dom, que Cristo nos deu. O Pão da Vida Na solenidade de Corpus Christi, queremos recordar que os atos redentores de Cristo, que culminam na sua morte e ressurreição, atualizam-se na Eucaristia, celebrada pelo Povo de Deus e presidida

Leia mais

Panorama do Antigo Testamento. Escola Bíblica IECI 1º Semestre de 2015 Aula 7

Panorama do Antigo Testamento. Escola Bíblica IECI 1º Semestre de 2015 Aula 7 Panorama do Antigo Testamento Escola Bíblica IECI 1º Semestre de 2015 Aula 7 RECAPITULAÇÃO - AT RECAPITULAÇÃO - AT RECAPITULAÇÃO - AT CRONOLOGIA DO AT CRONOLOGIA DO AT 1. Da criação a Abraão (criação 2000

Leia mais

Discipulado Intensivo -I-

Discipulado Intensivo -I- www.admissao.net Assembleia de Deus - Ministério Missão do Pará Templo Central: Rua Quatorze de Dezembro Nº484 St. Dom Orione CNPJ:08.229.493/0001-48 / (63) 9106 6080 / 8142-2272 / 9985 1805 E-mail:elsonrlima@hotmail.com

Leia mais

Lição 8 Trabalhar com Líderes

Lição 8 Trabalhar com Líderes Lição 8 Trabalhar com Líderes Já havia mais de um ano que o António se tornara membro da sua igreja. Ele tinha aprendido tanto! Começou a pensar nos líderes da igreja que o tinham ajudado. Pensava naqueles

Leia mais

O Discipulado e a Vida da Igreja

O Discipulado e a Vida da Igreja Série Estudos Bíblicos Nº 2 O Discipulado e a Vida da Igreja Um Estudo Bíblico Essencial ao Crescimento e Maturidade Cristã Ademir Ifanger E s t u d o s B í b l i c o s P á g i n a 2 Índice Estudo Bíblico

Leia mais

Apostila Fundamentos. Batismo nas Águas. batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo... Mt 28:19

Apostila Fundamentos. Batismo nas Águas. batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo... Mt 28:19 Apostila Fundamentos Batismo nas Águas batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo... Mt 28:19 B a t i s m o n a s Á g u a s P á g i n a 2 Batismo nas Águas Este é outro passo que está

Leia mais

Bíblia, sua importância em minha vida

Bíblia, sua importância em minha vida Bíblia, sua importância em minha vida Bíblia, sua importância em minha vida 2 Timóteo 3:16-17 16 Toda a Escritura é inspirada por Deus e útil para o ensino, para a repreensão, para a correção, para a educação

Leia mais

Os Mandamentos da Igreja

Os Mandamentos da Igreja Os Mandamentos da Igreja Por Marcelo Rodolfo da Costa Os mandamentos da Igreja situam-se na linha de uma vida moral ligada à vida litúrgica e que dela se alimenta CIC 2041 Os Mandamentos da Igreja tem

Leia mais

TOMADA DE POSSE DO NOVO PÁROCO - CELEBRAÇÃO (cf. Cerimonial dos Bispos, nn. 1185-1198) DIOCESE DE CRUZEIRO DO SUL AC/AM

TOMADA DE POSSE DO NOVO PÁROCO - CELEBRAÇÃO (cf. Cerimonial dos Bispos, nn. 1185-1198) DIOCESE DE CRUZEIRO DO SUL AC/AM Página 1 TOMADA DE POSSE DO NOVO PÁROCO - CELEBRAÇÃO (cf. Cerimonial dos Bispos, nn. 1185-1198) DIOCESE DE CRUZEIRO DO SUL AC/AM 01. Canto de Entrada 02. Saudação inicial do celebrante presidente 03. Leitura

Leia mais

SUA SEGURANÇA COM DEUS

SUA SEGURANÇA COM DEUS SUA SEGURANÇA COM DEUS Deus deseja que você tenha convicções em sua vida espiritual. Seu pai celestial não quer que você viva com dúvidas e inseguranças acerca de sua condição espiritual e relacionamento

Leia mais

POR QUE ESTUDAR A BÍBLIA? PANORAMA GERAL DA BÍBLIA

POR QUE ESTUDAR A BÍBLIA? PANORAMA GERAL DA BÍBLIA PANORAMA BÍBLICO Pr Jardel Roscamp Guarapuava PR POR QUE ESTUDAR A BÍBLIA? PANORAMA GERAL DA BÍBLIA A BÍBLIA É UM LIVRO OUSADO ETERNIDADE FINAL DO NT A BÍBLIA É O CAMINHO DE VOLTA À DEUS CRIAÇÃO GÊNESIS

Leia mais

Explicação da Missa MISSA

Explicação da Missa MISSA Explicação da Missa Reunidos todos os catequizandos na Igreja, num primeiro momento mostram-se os objetos da missa, ensinam-se os gestos e explicam-se os ritos. Em seguida celebra-se a missa sem interrupção.

Leia mais

Lição 01 O propósito eterno de Deus

Lição 01 O propósito eterno de Deus Lição 01 O propósito eterno de Deus LEITURA BÍBLICA Romanos 8:28,29 Gênesis 1:27,28 Efésios 1:4,5 e 11 VERDADE CENTRAL Deus tem um propósito original e eterno para minha vida! OBJETIVO DA LIÇÃO Que eu

Leia mais

www.projeto-timoteo.org 2ª edição Como Viver a Plenitude de Deus Projeto Timóteo Apostila do Aluno

www.projeto-timoteo.org 2ª edição Como Viver a Plenitude de Deus Projeto Timóteo Apostila do Aluno Como Viver a Plenitude de Deus Projeto Timóteo 1 Apostila do Aluno Como Viver a Plenitude de Deus Projeto Timóteo Coordenador do Projeto Dr. John Barry Dyer Equipe Pedagógica Marivete Zanoni Kunz Tereza

Leia mais

Koinonia, descobrindo a alegria de pertencer.

Koinonia, descobrindo a alegria de pertencer. ESTUDO 02 A COMUNHÃO E MUTUALIDADE Vimos que a comunhão se baseia numa relação entre pessoas, e tem diversas maneiras de se manifestar. Já que as relações são mais experimentadas do que vistas, não é fácil

Leia mais

A OFERTA DE UM REI (I Crônicas 29:1-9). 5 - Quem, pois, está disposto a encher a sua mão, para oferecer hoje voluntariamente ao SENHOR?

A OFERTA DE UM REI (I Crônicas 29:1-9). 5 - Quem, pois, está disposto a encher a sua mão, para oferecer hoje voluntariamente ao SENHOR? A OFERTA DE UM REI (I Crônicas 29:1-9). 5 - Quem, pois, está disposto a encher a sua mão, para oferecer hoje voluntariamente ao SENHOR? Esse texto é um dos mais preciosos sobre Davi. Ao fim de sua vida,

Leia mais

Tipos de cristãos que amadurecem

Tipos de cristãos que amadurecem Tipos de cristãos que amadurecem TEXTO BÍBLICO BÁSICO Romanos 12.1-5 1 Rogo-vos, pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que

Leia mais

CELEBRAÇÃO DO MATRIMÓNIO

CELEBRAÇÃO DO MATRIMÓNIO CELEBRAÇÃO DO MATRIMÓNIO Assinatura do Registo A assinatura do Registo será colocada na Liturgia, conforme prática local ou critério do Oficiante. Celebração da Santa Ceia No caso de ser pedida a Celebração

Leia mais

A TEOLOGIA DE GENESIS Márcio Martins

A TEOLOGIA DE GENESIS Márcio Martins A TEOLOGIA DE GENESIS Márcio Martins O LIVRO DE GENESIS PODE SER CONSIDERADO COMO A BASE TEOLÓGICA DO NOVO TESTAMENTO. GENESIS DE CERTA FORMA ESTÁ MAIS PROXIMO DO NOVO TESTAMENTO DO QUE DO VELHO. VARIOS

Leia mais

Vivendo a Liturgia Ano A

Vivendo a Liturgia Ano A Vivendo a Liturgia Junho/2011 Vivendo a Liturgia Ano A SOLENIDADE DA ASCENSÃO DO SENHOR (05/06/11) A cor litúrgica continua sendo a branca. Pode-se preparar um mural com uma das frases: Ide a anunciai

Leia mais

Pedro Livro de Atos ITQ-Vila Ema Prof.Baroni

Pedro Livro de Atos ITQ-Vila Ema Prof.Baroni Pedro Livro de Atos ITQ-Vila Ema Prof.Baroni Os Apóstolos Recebem o Espírito Santo (2:1-4) As coisas relatadas no capítulo 2 aconteceram no dia de Pentecostes (2:1), que foi o dia depois do sétimo sábado

Leia mais

CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA

CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA Congregação das Irmãs Missionárias de São Carlos B. Scalabrinianas Centro de Estudos Migratórios Cristo Rei-CEMCREI Rua Castro Alves, 344 90430-130 Porto Alegre-RS cemcrei@cpovo.net www.cemcrei.org.br

Leia mais

Diz respeito ao que vamos realizar em Cristo, pelo poder do Espírito Santo para cumprir a nossa missão:

Diz respeito ao que vamos realizar em Cristo, pelo poder do Espírito Santo para cumprir a nossa missão: II) NOSSA VISÃO Diz respeito ao que vamos realizar em Cristo, pelo poder do Espírito Santo para cumprir a nossa missão: A) Adorar a Deus em espírito e verdade Queremos viver o propósito para o qual Deus

Leia mais

conheça sua Bíblia Estudos Panorâmicos no AT e NT TODA QUINTA-FEIRA - DAS 19H30 ÀS 21H - RUA JOSÉ ALVES GUEDES, 1332 - JD. SONIA JAGUARIÚNA/SP

conheça sua Bíblia Estudos Panorâmicos no AT e NT TODA QUINTA-FEIRA - DAS 19H30 ÀS 21H - RUA JOSÉ ALVES GUEDES, 1332 - JD. SONIA JAGUARIÚNA/SP TODA QUINTA-FEIRA - DAS 19H30 ÀS 21H - RUA JOSÉ ALVES GUEDES, 1332 - JD. SONIA JAGUARIÚNA/SP Êxodo! DATA: 1445 a.c.; na caminhada pelo deserto do Sinai. NOME: No hebraico Shemot, nomes, e no grego Êxodo,

Leia mais

A Unidade de Deus. Jesus Cristo é o Único Deus. Pai Filho Espírito Santo. Quem é Jesus? Como os Apóstolos creram e ensinaram? O que a Bíblia diz?

A Unidade de Deus. Jesus Cristo é o Único Deus. Pai Filho Espírito Santo. Quem é Jesus? Como os Apóstolos creram e ensinaram? O que a Bíblia diz? A Unidade de Deus Quem é Jesus? Como os Apóstolos creram e ensinaram? O que a Bíblia diz? Vejamos a seguir alguns tópicos: Jesus Cristo é o Único Deus Pai Filho Espírito Santo ILUSTRAÇÃO Pai, Filho e Espírito

Leia mais

1ª Leitura - Gn 2,7-9; 3,1-7

1ª Leitura - Gn 2,7-9; 3,1-7 1ª Leitura - Gn 2,7-9; 3,1-7 Criação e pecado dos primeiros pais. Leitura do Livro do Gênesis 2,7-9; 3,1-7 7 O Senhor Deus formou o homem do pó da terra, soprou-lhe nas narinas o sopro da vida e o homem

Leia mais

Grupo de Evangelismo. Igreja Vida em Cristo

Grupo de Evangelismo. Igreja Vida em Cristo 1 GE Grupo de Evangelismo Igreja Vida em Cristo 2 GE Grupo de Evangelismo Índice Apresentação... 3 Introdução ao GE (Grupo de Evangelismo)... 4 Primeira semana... 5 Segunda semana... 6 Terceira semana...

Leia mais

9.9 Jesus Cristo é homem perfeito

9.9 Jesus Cristo é homem perfeito 9.9 Jesus Cristo é homem perfeito Aula 48 Assim como é importante verificarmos na Palavra de Deus e crermos que Jesus Cristo é Deus, também é importante verificarmos e crermos na humanidade de Jesus após

Leia mais

Aula 5.1 Conteúdo: As grandes Religiões de matriz ocidental Judaísmo Cristianismo Islamismo ENSINO RELIGIOSO CONTEÚDO E HABILIDADES

Aula 5.1 Conteúdo: As grandes Religiões de matriz ocidental Judaísmo Cristianismo Islamismo ENSINO RELIGIOSO CONTEÚDO E HABILIDADES CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA Aula 5.1 Conteúdo: As grandes Religiões de matriz ocidental Judaísmo Cristianismo Islamismo 2 CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO

Leia mais

4. A IMPORTÂNCIA DE SER BATIZADO

4. A IMPORTÂNCIA DE SER BATIZADO 4. A IMPORTÂNCIA DE SER BATIZADO O batismo nas águas é um dos passos importantes nos primeiros princípios da doutrina de Cristo. Ele não é apenas uma forma ou cerimônia sem sentido, mas uma experiência

Leia mais

UM NOVO ANO, UMA NOVA CHANCE

UM NOVO ANO, UMA NOVA CHANCE ESTUDOS Fevereiro/14-2ª SEMANA CÉLULA FAMILIAR UM NOVO ANO, UMA NOVA CHANCE Texto Bíblico: João 8:3-11 Tem um dito popular que diz que errar é humano. Normalmente nos lembramos desse dito, e gostamos de

Leia mais

O Batismo é mencionado pela primeira vez, no Novo Testamento, quando do ministério de João Batista.

O Batismo é mencionado pela primeira vez, no Novo Testamento, quando do ministério de João Batista. Lição 11 A DOUTRINA DO BATISMO NAS ÁGUAS Por: Pr Valdimário Santos O Batismo é mencionado pela primeira vez, no Novo Testamento, quando do ministério de João Batista. Em Mateus 3.1,2 notamos que a mensagem

Leia mais

QUARESMA TEMPO DE REFLEXÃO E AÇÃO

QUARESMA TEMPO DE REFLEXÃO E AÇÃO QUARESMA TEMPO DE REFLEXÃO E AÇÃO Disponível em: www.seminariomaiordebrasilia.com.br Acesso em 13/03/2014 A palavra Quaresma surge no século IV e tem um significado profundo e simbólico para os cristãos

Leia mais

ÍNDICE LITÚRGICO DO LAUDATE

ÍNDICE LITÚRGICO DO LAUDATE ÍNDICE LITÚRGICO DO LAUDATE 1. ANO CRISTÃO ADVENTO 42 - Da Cepa Brotou a Rama 66 - Eu Vou Seguindo uma Estrela 159 - Seu Nome é Maravilhoso 184 - Vem, Jesus, Nossa Esperança NATAL 97 - Tudo Ele é Para

Leia mais

PLANO DE LEITURA DA BÍBLIA

PLANO DE LEITURA DA BÍBLIA PLANO DE LEITURA DA BÍBLIA Este plano de leitura foi planejado para a leitura completa da Palavra de Deus em um ano, entretanto, você pode ler no ritmo que desejar. Se tiver mais tempo diário, faça a leitura

Leia mais

www.comunidadepedraviva.com.br TRILHO PEDRA VIVA

www.comunidadepedraviva.com.br TRILHO PEDRA VIVA TRILHO PEDRA VIVA ROTEIRO PARA PLANTAÇÃO DE VIDAS Um provérbio chinês nos lembra : se sua visão é para um ano, plante trigo; se sua visão é para uma década, plante árvores; se sua visão é para toda a vida,

Leia mais

Os Sacramentos estão presentes em cada fase da vida do Cristão

Os Sacramentos estão presentes em cada fase da vida do Cristão Os Sacramentos estão presentes em cada fase da vida do Cristão A vida litúrgica começa muito cedo. Os Sacramentos são conhecidos como encontros pessoais com Cristo. Também são vistos como sinais da salvação.

Leia mais

No princípio era aquele que é a Palavra... João 1.1 UMA IGREJA COM PROPÓSITOS. Pr. Cristiano Nickel Junior

No princípio era aquele que é a Palavra... João 1.1 UMA IGREJA COM PROPÓSITOS. Pr. Cristiano Nickel Junior No princípio era aquele que é a Palavra... João 1.1 UMA IGREJA COM PROPÓSITOS Pr. Cristiano Nickel Junior O propósito é que a Igreja seja um exército com bandeiras Martyn Lloyd-Jones No princípio era aquele

Leia mais

O que é o batismo nas águas? Por que o fazemos? Como deve ser ministrado, quando e para quem?

O que é o batismo nas águas? Por que o fazemos? Como deve ser ministrado, quando e para quem? O Batismo nas Águas O que é o batismo nas águas? Por que o fazemos? Como deve ser ministrado, quando e para quem? É UMA ORDENANÇA DE JESUS O batismo é uma ordenança clara de Jesus para todo aquele que

Leia mais

Como Preparar e Realizar Cultos. Projeto Timóteo. Apostila do Aluno

Como Preparar e Realizar Cultos. Projeto Timóteo. Apostila do Aluno Como Preparar e Realizar Cultos Projeto Timóteo Apostila do Aluno Como Preparar e Realizar Cultos Projeto Timóteo Coordenador do Projeto Equipe Pedagógica Dr. John Barry Dyer Marivete Zanoni Kunz Tereza

Leia mais

TEOLOGIA DA MÚSICA Pr. André Figueiredo Centro de Treinamento Louvor Cristo é Vida

TEOLOGIA DA MÚSICA Pr. André Figueiredo Centro de Treinamento Louvor Cristo é Vida TEOLOGIA DA MÚSICA Pr. André Figueiredo Centro de Treinamento Louvor Cristo é Vida Introdução A primeira pergunta que vem à mente quando lemos o nome da disciplina Teologia da Música talvez seja: e existe

Leia mais

OS LEVITAS Dicionário Internacional de Teologia Novo Testamento,

OS LEVITAS Dicionário Internacional de Teologia Novo Testamento, OS LEVITAS Vamos ao um breve estudo sobre os levitas, que há muito tempo, nas igrejas evangélicas e até mesmo nos templos católicos, é um título dado aos instrumentistas e cantores. Biblicamente falando,

Leia mais

LIVRO I. Paulo pastoreia os filipenses. Entrevista imaginária com o apóstolo Paulo (5) Filipenses

LIVRO I. Paulo pastoreia os filipenses. Entrevista imaginária com o apóstolo Paulo (5) Filipenses LIVRO I Paulo pastoreia os filipenses Entrevista imaginária com o apóstolo Paulo (5) Filipenses Não sem razão a carta de Paulo aos filipenses é considerada como a carta da alegria. Nesta conversa inventada,

Leia mais

Dicionário da Bíblia de Easton

Dicionário da Bíblia de Easton 1 Dicionário da Bíblia de Easton Por M.G. Easton M.A., D.D. Tradução: Felipe Sabino de Araújo Neto / felipe@monergismo.com A lista abaixo não é uma tradução completa do Dicionário da Bíblia de Easton.

Leia mais

BAPTISMO DAS CRIANÇAS (Sem Missa)

BAPTISMO DAS CRIANÇAS (Sem Missa) BAPTISMO DAS CRIANÇAS (Sem Missa) Cântico de Entrada SAUDAÇÃO E MONIÇÃO INICIAL DIÁLOGO COM OS PAIS E PADRINHOS Que nome escolhestes para o vosso filho? Pais: (dizem o nome do filho). Que pedis à Igreja

Leia mais

! O CÓDIGO DE SANTIDADE

! O CÓDIGO DE SANTIDADE UMA VIDA QUE HONRA A DEUS Levítico 17 Lv 17.11 Pois a vida da carne está no sangue, e eu o dei a vocês para fazerem O CÓDIGO DE SANTIDADE Levítico 17 está estrategicamente localizado na abertura da segunda

Leia mais

O SENHOR JESUS CRISTO

O SENHOR JESUS CRISTO O SENHOR JESUS CRISTO I. SUA EXISTÊNCIA A) Provada pelo Antigo Testamento: (Mq 5.2; Is 9:6 Pai da Eternidade ) B) Provada pelo Novo Testamento: 1) João 1.1, em comparação com o versículo 14. 2) Jo 8.58

Leia mais

Perfil da Igreja que possui maturidade

Perfil da Igreja que possui maturidade Perfil da Igreja que possui maturidade TEXTO BÍBLICO BÁSICO Atos 2.7-45 7 - E, ouvindo eles isto, compungiram-se em seu coração, e perguntaram a Pedro e aos demais apóstolos: Que faremos, homens irmãos?

Leia mais

Koinonia, descobrindo a alegria de pertencer.

Koinonia, descobrindo a alegria de pertencer. ESTUDO 23 FALEM ENTRE VOCÊS COM SALMOS, HINOS E CÂNTIGOS ESPIRITUAIS Através dos milênios da sua historia, o povo de Deus sempre tem cantado. Moisés e os israelitas cantaram louvores a Deus, após a libertação

Leia mais

A Regra daterceira Ordem da Sociedade de São Francisco iii) Ordem para Admissões e Renovações I. O CONVITE

A Regra daterceira Ordem da Sociedade de São Francisco iii) Ordem para Admissões e Renovações I. O CONVITE A Regra daterceira Ordem da Sociedade de São Francisco iii) Ordem para Admissões e Renovações como ordenado pelo Capítulo Interprovincial da Terceira Ordem na Revisão Constitucional de 1993, e subseqüentemente

Leia mais

Vivendo a Liturgia - ano A / outubro 2011

Vivendo a Liturgia - ano A / outubro 2011 Vivendo a Liturgia - ano A / outubro 2011 27ºDOMINGO DO TEMPO COMUM (02/10/11) Parábola dos Vinhateiros Poderia ser feito um mural específico para esta celebração com uma das frases: Construir a Igreja

Leia mais

Igreja Batista Itacuruçá ESTAÇÃ ÇÃO DO EVANGELISMO

Igreja Batista Itacuruçá ESTAÇÃ ÇÃO DO EVANGELISMO Igreja Batista Itacuruçá ESTAÇÃ ÇÃO DO EVANGELISMO ORIENTAÇÕES GERAIS Bem-vindos à nova estação dos GFs: a estação do evangelismo! Nesta estação queremos enfatizar pontos sobre nosso testemunho de vida

Leia mais

1ª Leitura - Gn 1,20-2,4a

1ª Leitura - Gn 1,20-2,4a 1ª Leitura - Gn 1,20-2,4a Façamos o homem à nossa imagem e segundo a nossa semelhança. Leitura do Livro do Gênesis 1,20-2,4a 20Deus disse: 'Fervilhem as águas de seres animados de vida e voem pássaros

Leia mais

Muitos descrentes ao observarem a obra da cruz em sua visão natural pensam que tal gesto praticado por Jesus parece ser de derrota e não de vitória.

Muitos descrentes ao observarem a obra da cruz em sua visão natural pensam que tal gesto praticado por Jesus parece ser de derrota e não de vitória. 1 A OBRA DA CRUZ Mas longe esteja de mim gloriar-me, senão na cruz de nosso Senhor Jesus Cristo, pela qual o mundo está crucificado para mim, e eu, para o mundo. Gálatas 6.14 OBJETIVO. Este sermão tem

Leia mais

NOME DO CURSO ORAR É AÇÃO EBA. Nome do professor

NOME DO CURSO ORAR É AÇÃO EBA. Nome do professor ORAR É AÇÃO EBA Aprendendo a ORAR com Paulo Ef. 1:15-19. Por isso também eu, tendo ouvido da fé que há entre vós no Senhor Jesus e o amor para com todos os santos, não cesso de dar graças por vós, fazendo

Leia mais

DECLARAÇÃO DE FÉ 27/06/15 PLANO DE SALVAÇÃO

DECLARAÇÃO DE FÉ 27/06/15 PLANO DE SALVAÇÃO DECLARAÇÃO DE FÉ Pr Josemeire Ribeiro CRM PR 2015 O que é credo? É o que eu creio. PLANO DE SALVAÇÃO QUEDA REDENÇÃO RESTAURAÇÃO Declaração de Fé da IEQ foi compilada por sua fundadora Aimeé Semple McPherson,

Leia mais

Pr. Hebenezer de Oliveira - Tema: Espiritual. Isaías 55. 1-3

Pr. Hebenezer de Oliveira - Tema: Espiritual. Isaías 55. 1-3 Pr. Hebenezer de Oliveira - Tema: Espiritual Isaías 55. 1-3 Isaías 55. 1-3 1 Ah! Todos vós, os que tendes sede, vinde às águas; e vós, os que não tendes dinheiro, vinde, comprai e comei; sim, vinde e comprai,

Leia mais