Recentes alterações nas regras de ICMS para as importações e seus reflexos para as empresas.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Recentes alterações nas regras de ICMS para as importações e seus reflexos para as empresas."

Transcrição

1 Maringá, 18 de Abril de 2013 Recentes alterações nas regras de ICMS para as importações e seus reflexos para as empresas.

2 2 Martina Robinson de Azevedo Advogada tributarista, especialista em Direito Tributário e Ciências Contábeis; consultora, redatora de matérias tributárias e palestrante na área de impostos; coordenadora da Consultoria Fiscal-Tributária da unidade da PACTUM Consultoria Empresarial em Curitiba há mais de 6 anos.

3 CONTEXTO: GUERRA DOS PORTOS Lei Complementar nº 24/1975: benefícios fiscais de ICMS apenas por meio do Conselho de Política Nacional Fazendária CONFAZ. Visando atrair contribuintes, diversos Estados concedem benefícios fiscais na importação à revelia do CONFAZ: Guerra dos Portos. ICMS efetivamente pago (Estado do importador) x ICMS destacado na Nota Fiscal (Crédito para o Estado destinatário). STF: Estado destinatário não pode glosar os créditos apropriados conforme destaque na Nota Fiscal de aquisição. 3

4 ALTERAÇÕES A PARTIR DE 2013 Tentativa de reduzir os impactos de benefícios fiscais concedidos indevidamente pelos Estados. Combate à Guerra dos Portos. Unificação da alíquota interestadual a ser utilizada nas operações interestaduais com produtos importados. Estados de destino Alíquota interestadual Até 31/12/12 A partir de 01/01/13 MG RS RJ SC SP PR 12% Demais Estados 7% 4% Resolução do Senado Federal nº 13/2012 Ajustes SINIEF nºs 19, 20 E 27/2012 Convênio ICMS nº 123/2012 4

5 APLICABILIDADE DAS NOVAS REGRAS Aplica-se aos bens e mercadorias que após o desembaraço: não tenham sido submetidos a processo de industrialização (REVENDA). ainda que submetidos a qualquer processo de industrialização (transformação, beneficiamento, montagem, acondicionamento, reacondicionamento, renovação ou recondicionamento) resultem em mercadorias com Conteúdo de Importação superior a 40% (INDUSTRIALIZADOS COM CI ACIMA DE 40%). 5

6 INAPLICABILIDADE DAS NOVAS REGRAS Não se aplica aos bens e às mercadorias que: após o desembaraço sejam submetidos a industrialização e resultem em mercadorias com Conteúdo de Importação inferior a 40% (INDUSTRIALIZADOS COM CI ABAIXO DE 40%). não tenham similar nacional. sejam produzidos em conformidade com os Processos Produtivos Básicos (ZFM; Lei da Informática; Programa de Apoio ao Desenvolvimento Tecnológico da Indústria de Semicondutores). sejam classificados como gás natural importado do exterior. 6

7 RELAÇÃO DE BENS SEM SIMILAR NACIONAL Resolução CAMEX nº 79/2012 Lista publicada pela Secretaria-Executiva da Câmara de Comércio Exterior em: A esta lista deverão ser acrescidos os Ex-Tarifários vigentes que se encontram listados em: Bens cuja inexistência de produção nacional tenha sido atestada pela Secretaria de Comércio Exterior em procedimento específico (art. 118 do Decreto nº 6.759/09). 7

8 CONTEÚDO DE IMPORTAÇÃO MERCADORIAS INDUSTRIALIZADAS Conteúdo de Importação (%) = valor da parcela importada valor total da operação de saída interestadual da mercadoria industrializada. Parcela importada = valor da base de cálculo do ICMS incidente na operação de importação Saída interestadual = valor total da mercadoria incluídos os tributos incidentes na operação própria do remetente Deve ser recalculado a cada novo processo de industrialização. Na impossibilidade de se determinar: considerar o valor da última importação. 8

9 FICHA DE CONTEÚDO DE IMPORTAÇÃO - FCI MERCADORIAS INDUSTRIALIZADAS Ficha de Conteúdo de Importação FCI é uma obrigação acessória, em que o importador/industrial deverá informar ao Estado de origem: descrição da mercadoria resultante de industrialização NCM/SH código da mercadoria código GTIN (Numeração Global de Item Comercial), quando possuir unidade de medida valor da parcela importada do exterior valor total da saída interestadual conteúdo de importação 9

10 FICHA DE CONTEÚDO DE IMPORTAÇÃO - FCI Modelo da FCI: Anexo Único do Ajuste SINIEF nº 19/2012 Manual de Orientação para entrega da FCI: Ato COTEPE ICMS nº 61/2012 (via Internet ambiente virtual - meio digital). Prazos de entrega: PRORROGADO PARA MAIO/2013. Ações judiciais ajuizadas para prorrogar o prazo. Os importadores/industriais necessitam do custo de importação: tanto das suas importações quanto das de seus fornecedores/ importadores. Reflexos nas relações comerciais. 10

11 INFORMAÇÕES NA NOTA FISCAL Ajustes SINIEF 19/2012 e 27/2012 Devem ser informados em campo próprio da NF-e: MERCADORIAS INDUSTRIALIZADAS (no estabelecimento do emitente): o valor da importação, o número da FCI e o CI (em %). MERCADORIAS REVENDIDAS: o valor da importação. Divulgação do custo para o cliente. Ações judiciais ajuizadas para evitar essa exposição. Enquanto não forem criados campos próprios na NF-e, deverão ser informados no campo "Informações Adicionais. 11

12 Códigos de Situação Tributária - CST Ajuste SINIEF nº 20/2012 Para atender a nova tributação foram criados novos Códigos de Situação Tributária - CST, que definem com maior precisão as hipóteses de aplicabilidade da alíquota unificada de 4%. Com a nova Tabela, os contribuintes que antes só possuíam 3 códigos para a informação da origem da mercadoria, passarão a se utilizar das 7 possibilidades de códigos diferentes. Controle mais claro da tributação aplicada nas operações interestaduais pelo Fisco. Atenção das empresas às informações na Nota Fiscal. Nova tabela de CST com vigência a partir de 1º de janeiro de

13 Códigos de Situação Tributária - CST Exemplo: Uma empresa comercial não importadora, que receber do fornecedor Nota Fiscal com CST: 2 (mercadoria estrangeira, adquirida no mercado interno); 1 (mercadoria estrangeira, importação direta); ou 3 (mercadoria nacional, com conteúdo de importação superior a 40%) : receberá a mercadoria com alíquota de 4% (para aquisição interestadual) ou de alíquota interna (para aquisição interna). revenderá essa mercadoria com alíquota de 4% (se a saída for interestadual para contribuinte) ou à alíquota interna se a saída for interna ou interestadual para não contribuinte. 13

14 BENS EM ESTOQUE Resolução CAMEX 94/12 Apesar de as novas regras produzirem efeitos a partir de 1º de janeiro de 2013, foi determinado que devem ser observadas em relação aos bens e mercadorias importados ou que possuam Conteúdo de Importação, que estiverem no estoque do contribuinte em 31 de dezembro de Dificuldades das empresas em relação às informações necessárias ao cálculo do Conteúdo de Importação. 14

15 BENEFÍCIOS FISCAIS NAS OPERAÇÕES INTERESTADUAIS Convênio ICMS nº 123/2012. Na operação interestadual com mercadoria importada, sujeita à alíquota do ICMS de 4% (Resolução 13/2012), não se aplica benefício fiscal, anteriormente concedido, exceto se: de sua aplicação em 31 de dezembro de 2012 resultar carga tributária menor que 4%. Nesse caso deve ser mantida a carga fiscal prevista em 31/12/12. tratar-se de isenção. Deve-se observar se o benefício fiscal é reconhecido pelo CONFAZ. 15

16 BENEFÍCIOS FISCAIS NAS OPERAÇÕES INTERESTADUAIS ICMS operações interestaduais Previsão Legal (Convênio ICMS 100/97) PR Redução da base de cálculo PARA 40% RICMS/PR: Anexo II: Redução da Base de Cálculo (...) 8 - A base de cálculo é reduzida para quarenta por cento nas operações, até , com os seguintes INSUMOS AGROPECUÁRIOS: a) inseticidas, fungicidas, formicidas, herbicidas, parasiticidas, germicidas, acaricidas, nematicidas, raticidas, desfolhantes, dessecantes, espalhantes, adesivos, estimuladores e inibidores de crescimento (reguladores), produzidos para uso na agricultura e na pecuária, inclusive inoculantes, vedada a sua aplicação quando dada ao produto destinação diversa. Estados de destino MG RS RJ SC SP PR Demais Estados Alíquota interestadual Alíquota interestadual Até 31/12/12 A partir 01/01/13 4,80% 4,00% 2,80% 4,00% Em destaque amarelo a alíquota aplicável a partir de 2013! 16

17 BENEFÍCIOS FISCAIS - PR IMPORTAÇÃO PARA REVENDA O RICMS/PR estabelece em seus artigos 617-A e seguintes benefícios fiscais nas importações de bem ou mercadoria por meio dos portos de Paranaguá e Antonina e de aeroportos paranaenses, com desembaraço aduaneiro no Estado, adquiridos para fins de revenda. Com as novas regras do ICMS para as posteriores saídas interestaduais o PR modificou os benefícios concedidos. 17

18 IMPORTAÇÃO PARA REVENDA - PR IMPORTAÇÃO PARA COMERCIALIZAÇÃO: SITUAÇÃO ATÉ 31/12/2012 Entrada - Importação Saída - Revenda Carga Fiscal Efetiva da Operação saldo Alíquota (18% - 33,33% diferido) 12% Débito Interna 18% 18% saída (-) 12% crédito (ICMS pago desem.+ presum.) = 6% dev Débito (pago no desembaraço) 6% Interesta 12% 12% saída (-) 12% crédito (ICMS pago desem.+ presum.) - Crédito presumido (50% de 12%) 6% dual 7% 7% saída (-) 12% crédito (ICMS pago desem.+ presum.) = (-) 5% cred IMPORTAÇÃO PARA COMERCIALIZAÇÃO: NOVAS REGRAS A PARTIR DE 2013 Entrada - Importação Saída - Revenda Carga Fiscal Efetiva da Operação saldo Alíquota 18% Débito Interna 18% 18% saída (-) 6% crédito (ICMS pago desemb.) = 12% dev Débito (pago no desembaraço) 6% Interesta 4% saída (-) 6% crédito (ICMS pago desemb.) = (-) 2% cred 4% Diferença diferida 12% dual Art. 622-B (regime especial): Entrada - Importação Alíquota 18% Débito (pago no desembaraço) 1,5% Crédito Presumido (75% de 6%) 4,5% Diferença diferida 12% 18

19 BENEFÍCIOS FISCAIS - PR IMPORTAÇÃO PARA INDUSTRIALIZAÇÃO O RICMS/PR estabelece em seus artigos 615 e seguintes benefícios fiscais nas importações de bem ou mercadoria por meio dos portos de Paranaguá e Antonina e de aeroportos paranaenses, com desembaraço aduaneiro no Estado, adquiridos para fins de industrialização. Com as novas regras do ICMS para as posteriores saídas interestaduais o PR modificou os benefícios concedidos. 19

20 IMPORTAÇÃO PARA INDUSTRIALIZAÇÃO - PR IMPORTAÇÃO PARA INDUSTRIALIZAÇÃO: SITUAÇÃO ANTERIOR Entrada - Importação Saída - Venda Carga Fiscal Efetiva da Operação saldo Alíquota (18% - 33,33% diferido) 12% Débito Interna 18% 18% saída (-) 9% crédito presumido = 9% devedor Débito (suspenso) 3% Interesta 12% 12% saída (-) 9% crédito presumido = 3% devedor Crédito pres. (65% de 12%) 9% dual 7% 7% saída (-) 9% crédito presumido = (-) 2% credor IMPORTAÇÃO PARA INDUSTRIALIZAÇÃO: NOVAS REGRAS A PARTIR DE 2013 Entrada - Importação Alíquota (18% - 33,33% diferido) Débito (suspenso) Crédito pres. (66,66% de 12%) Saída - Venda Carga Fiscal Efetiva da Operação saldo 12% Débito Interna 18% 18% saída (-) 8% crédito presumido = 10% devedor 4% 12% 12% saída (-) 8% crédito presumido = 4% devedor Interesta 8% 7% 7% saída (-) 8% crédito presumido = (-) 1% credor dual 4% 4% saída (-) 8% crédito presumido = (-) 4% estorno 20

21 EFEITOS NA SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA As novas regras do ICMS afetaram a alíquota interestadual (que passa para 4%, independentemente do destino). Para produtos sujeitos a ST, isso afetará o MVA ajustado, que aumentará, em função da diferença maior entre a alíquota interna e a interestadual. Exemplo: Autopeças têm alíquota interna no PR de 12%. Antes não havia o ajuste de MVA porque não havia diferença entre alíquota interna (12%) e interestadual (em regra 7% ou 12%). Agora, nos casos em que forem aplicadas as novas regras, haverá ajuste de MVA. 21

22 EFEITOS NA SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA Comparativo de ICMS-ST considerando as novas regras de ICMS (alíquota interestadual de 4% para produtos importados ou produtos nacionais com conteúdo de importação superior a 40%): Operação/aquisição Interestadual (novas regras) Interestadual (regras anteriores) Interna VLR NF 1.000, , ,00 Alíq. Interna 12% 12% 12% Alíq. Interestadual 4% 12% - MVA Original 59,60% 59,60% 59,60% MVA Ajustado 74,11% - - Fórmula MVA ajustado [(1+MVA-ST original) x (1-ALQ interestadual) / (1-ALQ interna)] 1 MVA da operação 74,11% 59,60% 59,60% ICMS Próprio Vlr NF * 4% Vlr NF * 12% Vlr NF * 12% Fórmula ICMS ST VlrNF x (1+MVA) x ALQ.Interna - (ICMS próprio) ICMS ST R$ 168,93 R$ 71,52 R$ 71,52 Obs.: considerando IPI zero e sem custo de frete. Diferença R$ R$ 97,41 % da diferença no preço 9,74% 22

23 QUESTÕES RELEVANTES PARA AS EMPRESAS Redefinição de frentes de atuação no âmbito tributário para lidar com o novo cenário: Situações que aumentam ou reduzem a carga fiscal. Reavaliação dos fluxos de importação adotados atualmente: Estado do estabelecimento importador. Estudo de novas alternativas de atuação: Perfil dos Clientes e Perfil dos Fornecedores. Adaptação às novas regras: especialmente obrigações acessórias. 23

24 OBRIGADA! Porto Alegre (51) São Paulo (11) Belo Horizonte (31) Curitiba (41) Florianópolis (48)

ALÍQUOTAS DE 4% ICMS PARA MERCADORIAS IMPORTADAS INSTRUTORA VALÉRIA RITT

ALÍQUOTAS DE 4% ICMS PARA MERCADORIAS IMPORTADAS INSTRUTORA VALÉRIA RITT ALÍQUOTAS DE 4% ICMS PARA MERCADORIAS IMPORTADAS INSTRUTORA VALÉRIA RITT 1.REGRAS GERAIS A Resolução do Senado Federal nº 13/2012, estabeleceu que, a partir de 1º.01.2013, a alíquota do ICMS nas operações

Leia mais

Resolução do Senado Federal nº 13/2012: características, problemas e soluções. Marcelo Viana Salomão Mestre e doutorando PUC/SP

Resolução do Senado Federal nº 13/2012: características, problemas e soluções. Marcelo Viana Salomão Mestre e doutorando PUC/SP Resolução do Senado Federal nº 13/2012: características, problemas e soluções Marcelo Viana Salomão Mestre e doutorando PUC/SP ICMS - ICMS: imposto de conformação nacional exaustivamente regrado pela CF/88;

Leia mais

Em que casos não se aplica a alíquota de 4% nas operações interestaduais com bens e mercadorias importadas ou com conteúdo de importação?

Em que casos não se aplica a alíquota de 4% nas operações interestaduais com bens e mercadorias importadas ou com conteúdo de importação? PERGUNTAS Em que casos se aplica a alíquota de 4%? Em que casos não se aplica a alíquota de 4% nas operações interestaduais com bens e mercadorias importadas ou com conteúdo de importação? RESPOSTAS A

Leia mais

http://www.fazenda.gov.br/confaz/ escolha opção resolução Senado Federal 13/2012

http://www.fazenda.gov.br/confaz/ escolha opção resolução Senado Federal 13/2012 Prezado cliente, As constantes mudanças na legislação fiscal têm afetado muito as empresas, os sistemas e as empresas de contabilidade, que precisam estar preparadas para atender as obrigatoriedades legais.

Leia mais

Resolução do Senado 13/2012. Análise da Aplicação da norma e do cumprimento das obrigações acessórias

Resolução do Senado 13/2012. Análise da Aplicação da norma e do cumprimento das obrigações acessórias Resolução do Senado 13/2012 Análise da Aplicação da norma e do cumprimento das obrigações acessórias 1 Tributação do Consumo: A tributação do consumo no Brasil: Repartição de competências: Art. 155. Compete

Leia mais

(*) RESOLUÇÃO 13 DO SENADO FEDERAL (1ª versão 11.01.2013)

(*) RESOLUÇÃO 13 DO SENADO FEDERAL (1ª versão 11.01.2013) (*) RESOLUÇÃO 13 DO SENADO FEDERAL (1ª versão 11.01.2013) PERGUNTAS Se o conteúdo de importação for inferior a 40% é obrigatório o cadastro da FCI? RESPOSTAS Todo o contribuinte que, concomitantemente,

Leia mais

Alguns questionamentos sobre a RESOLUÇÃO SENADO FEDERAL Nº 13/2012

Alguns questionamentos sobre a RESOLUÇÃO SENADO FEDERAL Nº 13/2012 Alguns questionamentos sobre a RESOLUÇÃO SENADO FEDERAL Nº 13/2012 DRT-05 Quando é aplicável a alíquota interestadual de 4%? Informamos que é plenamente aplicável desde 1º de Janeiro de 2.013 para as operações

Leia mais

GUERRA FISCAL - Impactos da Resolução SF 13/2012

GUERRA FISCAL - Impactos da Resolução SF 13/2012 GUERRA FISCAL - Impactos da Resolução SF 13/2012 BRITCHAM 26 de março de 2013 I. Resolução SF nº. 13/2012 Intenção de eliminar a Guerra dos Portos Reduz as possibilidades de desoneração do ICMS nos Estados

Leia mais

VII - quatro por cento, nas operações interestaduais com bens e mercadorias importados do exterior, observado o disposto no art. 71-B.

VII - quatro por cento, nas operações interestaduais com bens e mercadorias importados do exterior, observado o disposto no art. 71-B. efeitos a partir de 1 Art. 71. As alíquotas do imposto são: VII - quatro por cento, nas operações interestaduais com bens e mercadorias importados do exterior, observado o disposto no art. 71-B. 2.º Nas

Leia mais

ICMS 4% Operações Interestaduais Com Produtos Importados

ICMS 4% Operações Interestaduais Com Produtos Importados ICMS 4% Operações Interestaduais Com Produtos Importados Janeiro/2013 Vicente Sevilha Junior Para quais OPERAÇÕES, MERCADORIAS e BENS e será utilizada a alíquota de 4%? A alíquota de 4%, conforme definida

Leia mais

ICMS/SP - Bens e mercadorias importados do exterior - Aplicação da alíquota de 4% - Procedimentos

ICMS/SP - Bens e mercadorias importados do exterior - Aplicação da alíquota de 4% - Procedimentos ICMS/SP - Bens e mercadorias importados do exterior - Aplicação da alíquota de 4% - Procedimentos Portaria CAT nº 64, de 28.06.2013 - DOE SP de 29.06.2013 Dispõe sobre os procedimentos que devem ser observados

Leia mais

Aplicação da alíquota de 4% de ICMS nas operações. Dulcinéia L. D. Santos

Aplicação da alíquota de 4% de ICMS nas operações. Dulcinéia L. D. Santos Aplicação da alíquota de 4% de ICMS nas operações interestaduais t i Dulcinéia L. D. Santos TRIBUTAÇÃO DO ICMS NAS OPERAÇÕES INTERESTADUAIS ICMS nas operações interestaduais Alíquota do ICMS nas operações

Leia mais

Alíquota Interestadual de 4% para Produtos Importados

Alíquota Interestadual de 4% para Produtos Importados Alíquota Interestadual de 4% para Produtos Importados SUMÁRIO pág. Considerações sobre a aplicação da alíquota interestadual para produtos importados... 3 1. Introdução... 3 2. Alíquota interestadual -

Leia mais

NOVA REGRA (alterações em vermelho) CONVÊNIO ICMS 38, DE 22 DE MAIO DE 2013 REVOGADO

NOVA REGRA (alterações em vermelho) CONVÊNIO ICMS 38, DE 22 DE MAIO DE 2013 REVOGADO REVOGADO AJUSTE SINIEF 19, DE 7 DE NOVEMBRO DE 2012 Publicado no DOU de 09.11.12, pelo Despacho 223/12. Prorrogado, para 01.05.13, o início da obrigatoriedade de preenchimento e entrega da FCI, pelo Ajuste

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Aplicação da Resolução do Senado para NF-e de devolução

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Aplicação da Resolução do Senado para NF-e de devolução Aplicação 07/10/2013 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Analise da Legislação... 3 2.1. Nota Técnica 2013/06... 4 3. Processos Impactados... 5 4. Detalhamento dos Processos... 6 5. Conclusão...

Leia mais

ICMS - RESOLUÇÃO SENADO FEDERAL Nº 13/2012 FIESP 12/12/2012. Secretaria da Fazenda - SP. Coordenadoria da Administração Tributária RODAPÉ

ICMS - RESOLUÇÃO SENADO FEDERAL Nº 13/2012 FIESP 12/12/2012. Secretaria da Fazenda - SP. Coordenadoria da Administração Tributária RODAPÉ ICMS - RESOLUÇÃO SENADO FEDERAL Nº 13/2012 FIESP 12/12/2012 Secretaria da Fazenda - SP Coordenadoria da Administração Tributária RODAPÉ RESOLUÇÃO DO SENADO 13/2012 ABRANGÊNCIA Será de 4% a alíquota do

Leia mais

ICMS Alíquota de 4% nas operações interestaduais para produtos importados

ICMS Alíquota de 4% nas operações interestaduais para produtos importados ICMS Alíquota de 4% nas operações interestaduais para produtos importados Igor Ribeiro de Oliveira Tel: +55 21 21274253 ioliveira@mayerbrown.com 22 de fevereiro 2013 Tauil & Chequer Advogados is associated

Leia mais

A S S I P I ICMS IMPORTADOS RESOLUÇÃO 13

A S S I P I ICMS IMPORTADOS RESOLUÇÃO 13 A S S I P I ICMS IMPORTADOS RESOLUÇÃO 13 1 RESOLUÇÃO 13 X DECRETO 4316/95 RESOLUÇÃO 13 DECRETO 4316 COMENTÁRIOS Art. 1º A alíquota do Imposto sobre Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e sobre

Leia mais

APOSTILA PARAMETRIZAÇÃO FICHA DE CONTEUDO DA IMPORTAÇÃO

APOSTILA PARAMETRIZAÇÃO FICHA DE CONTEUDO DA IMPORTAÇÃO APOSTILA PARAMETRIZAÇÃO FICHA DE CONTEUDO DA IMPORTAÇÃO (FCI) O que é FCI? A FCI (Ficha de conteúdo de importação) é um documento de controle do conteúdo do valor de insumos importados no produto acabado,

Leia mais

Guia do ICMS - São Paulo: Alíquota interestadual de 4% para produtos importados

Guia do ICMS - São Paulo: Alíquota interestadual de 4% para produtos importados Guia do ICMS - São Paulo: Alíquota interestadual de 4% para produtos importados Resumo: Analisaremos no presente Roteiro de Procedimentos as condições para a aplicação da alíquota interestadual de 4% (quatro

Leia mais

Resolução do senado federal nº 13, de 2012. Saiba aqui o que realmente importa para quem importa produtos do exterior.

Resolução do senado federal nº 13, de 2012. Saiba aqui o que realmente importa para quem importa produtos do exterior. Resolução do senado federal nº 13, de 2012. Saiba aqui o que realmente importa para quem importa produtos do exterior. Sumário Esclarecimentos Gerais 1 - Atos Legais 2 - Aplicabilidade enquadramento 3

Leia mais

As mudanças da alíquota de ICMS na unificação para 4% sobre os produtos importados e seus reflexos para as operações com outros Estados

As mudanças da alíquota de ICMS na unificação para 4% sobre os produtos importados e seus reflexos para as operações com outros Estados As mudanças da alíquota de ICMS na unificação para 4% sobre os produtos importados e seus reflexos para as operações com outros Estados Exatus Assessoria Empresarial JUL/2013 1 PROGRAMA 1. Introdução 2.

Leia mais

ICMS -RESOLUÇÃO SENADO FEDERAL Nº 13/2012

ICMS -RESOLUÇÃO SENADO FEDERAL Nº 13/2012 ICMS -RESOLUÇÃO SENADO FEDERAL Nº 13/2012 DRT-05 RESOLUÇÃO DO SENADO 13/2012 ABRANGÊNCIA Será de 4% a alíquota do ICMS nas operações interestaduais com bens e mercadorias importados do exterior que, após

Leia mais

INFORMATIVO DEZEMBRO/2015 ICMS - NOVAS REGRAS NAS OPERAÇÕES INTERESTADUAIS DESTINADAS A CONSUMIDOR FINAL ROTEIRO DE PERGUNTAS E RESPOSTAS

INFORMATIVO DEZEMBRO/2015 ICMS - NOVAS REGRAS NAS OPERAÇÕES INTERESTADUAIS DESTINADAS A CONSUMIDOR FINAL ROTEIRO DE PERGUNTAS E RESPOSTAS INFORMATIVO DEZEMBRO/2015 ICMS - NOVAS REGRAS NAS OPERAÇÕES INTERESTADUAIS DESTINADAS A CONSUMIDOR FINAL ROTEIRO DE PERGUNTAS E RESPOSTAS Como é sabido, a partir de 1º de janeiro de 2016 entrará em vigor

Leia mais

LEVANTAMENTO FISCAL SITE KADOX

LEVANTAMENTO FISCAL SITE KADOX LEVANTAMENTO FISCAL SITE KADOX SUMÁRIO 1 ICMS 1.1 CONTRIBUINTE 1.2 FATO GERADOR DO IMPOSTO 1.3 BASE DE CÁLCULO DO IMPOSTO 1.4 REDUÇÃO DA BASE DE CÁLCULO 1.5 CARTA DE CORREÇÃO 1.6 CÓDIGO DA SITUAÇÃO TRIBUTÁRIA

Leia mais

Palestrante Clélio Chiesa Mestre e Doutor pela PUC/SP. Professor de graduação e pós-graduação em Direito Tributário. Consultor e Advogado.

Palestrante Clélio Chiesa Mestre e Doutor pela PUC/SP. Professor de graduação e pós-graduação em Direito Tributário. Consultor e Advogado. Tema: Estorno dos créditos de ICMS e alíquota de 4% nas operações interestaduais. Inconstitucionalidades. Posição do STF, STJ e Conselhos de Contribuintes. Palestrante Clélio Chiesa Mestre e Doutor pela

Leia mais

Alíquota Interestadual de 4% para Produtos Importados

Alíquota Interestadual de 4% para Produtos Importados SUMÁRIO pág. Considerações sobre a aplicação da alíquota interestadual para produtos importados... 3 1. Introdução... 3 2. Alíquota interestadual - Utilização... 4 3. Concessão de benefícios fiscais -

Leia mais

NONO NONONO NONONO NONONO NONO

NONO NONONO NONONO NONONO NONO NONO NONONO NONONO NONONO NONO PROBLEMAS DA DA INDÚSTRIA COM COM A ADOÇÃO DA RESOLUÇÃO RESOLUÇÃO Nº Nº 13, 13, do do SENADO FEDERAL SENADO FEDERAL GUERRA DOS PORTOS A prática de concessão de incentivos

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA PREENCHIMENTO DA NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE IMPORTAÇÃO

ORIENTAÇÕES PARA PREENCHIMENTO DA NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE IMPORTAÇÃO ORIENTAÇÕES PARA PREENCHIMENTO DA NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE IMPORTAÇÃO 1. Introdução: Toda mercadoria procedente do exterior, importada a título definitivo ou não, sujeita ou não ao pagamento do imposto

Leia mais

ESTADO DO ACRE SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO TRIBUTÁRIA DEPARTAMENTO DE GESTÃO DE AÇÃO FISCAL NOTA TÉCNICA

ESTADO DO ACRE SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO TRIBUTÁRIA DEPARTAMENTO DE GESTÃO DE AÇÃO FISCAL NOTA TÉCNICA ESTADO DO ACRE SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO TRIBUTÁRIA DEPARTAMENTO DE GESTÃO DE AÇÃO FISCAL NOTA TÉCNICA Tendo em vista a implantação das Áreas de Livre Comércio de Brasiléia,

Leia mais

ICMS - ALÍQUOTA DE 4% - PRODUTOS IMPORTADOS

ICMS - ALÍQUOTA DE 4% - PRODUTOS IMPORTADOS ICMS - ALÍQUOTA DE 4% - PRODUTOS IMPORTADOS (RESOLUÇÃO DO SENADO FEDERAL Nº 13/2012; AJUSTES SINIEF Nº 19 E 20/2012 e CONVÊNIO Nº 123/2012 ) 20 de dezembro de 2012 Agenda Breves considerações sobre a Guerra

Leia mais

Projeto Nota Fiscal Eletrônica

Projeto Nota Fiscal Eletrônica Projeto Nota Fiscal Eletrônica Nota Técnica 2013/006 Operação Interestadual com Bens e Mercadorias Importados do Exterior FCI - Ficha de Conteúdo de Importação Versão 1.00 Agosto 2013 01. Resumo A Resolução

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária de Segmentos Transferência de Crédito de ICMS de Fornecedor Optante do Simples Nacional

Parecer Consultoria Tributária de Segmentos Transferência de Crédito de ICMS de Fornecedor Optante do Simples Nacional 09/01/2015 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Normas apresentadas pelo cliente... 3 3. Análise da Consultoria... 4 3.1 Transferência de Crédito do ICMS pelos Optantes do... 4 3.2 Do Ressarcimento

Leia mais

CURSO PRÁTICA CONTÁBIL - CFOP www.scesgo.com.br Otávio Martins de Oliveira Júnior Diretor Assuntos Técnicos e Jurídicos Goiânia - Goiás - 21/08/2013

CURSO PRÁTICA CONTÁBIL - CFOP www.scesgo.com.br Otávio Martins de Oliveira Júnior Diretor Assuntos Técnicos e Jurídicos Goiânia - Goiás - 21/08/2013 SINDICATO DOS CONTABILISTAS ESTADO GOIÁS CONSELHO REGIONAL CONTABILIDADE GOIÁS CONVÊNIO CRC-GO /SCESGO CURSO PRÁTICA CONTÁBIL - CFOP www.scesgo.com.br Otávio Martins de Oliveira Júnior Diretor Assuntos

Leia mais

SINDCONT-SP SINDCONT-SP

SINDCONT-SP SINDCONT-SP Sindicato dos Contabilistas de São Paulo (Ex-Instituto Paulista de Contabilidade - Fundado em 1919) ÓRGÃO DE PROFISSÃO LIBERAL SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA DO ICMS DISPOSIÇÕES GERAIS CONCEITOS Lei Complementar

Leia mais

PONTOS POLÊMICOS DO ICMS. José Roberto Rosa

PONTOS POLÊMICOS DO ICMS. José Roberto Rosa PONTOS POLÊMICOS DO ICMS José Roberto Rosa Uma nova realidade : A prioridade para o CRUZAMENTO DE INFORMAÇÕES Operação Cartão Vermelho Autuações por falta de registro de notas fiscais de compras Diferença

Leia mais

CURSO EAD ENSINO A DISTÂNCIA. Anexo 10 - CFOP e CST - Vigência desde 01/01/2003

CURSO EAD ENSINO A DISTÂNCIA. Anexo 10 - CFOP e CST - Vigência desde 01/01/2003 CURSO EAD ENSINO A DISTÂNCIA Anexo 10 - CFOP e CST - Vigência desde 01/01/2003 CÓDIGO FISCAL DE OPERAÇÕES E PRESTAÇÕES - CFOP - SEÇÃO I - CÓDIGO DE SITUAÇÃO TRIBUTÁRIA - CST (Ajuste SINIEF 07/01) 002 CÓDIGO

Leia mais

CRÉDITO ACUMULADO ICMS

CRÉDITO ACUMULADO ICMS CRÉDITO ACUMULADO ICMS Conceito Geração Apropriação Utilização Transferência Artigo 71 - Para efeito deste capítulo, constitui crédito acumulado do imposto o decorrente de : I - aplicação de alíquotas

Leia mais

Secretaria de Estado de Fazenda de Minas Gerais Superintendência de Tributação Diretoria de Orientação e Legislação Tributária

Secretaria de Estado de Fazenda de Minas Gerais Superintendência de Tributação Diretoria de Orientação e Legislação Tributária (*) Orientação Tributária DOLT/SUTRI Nº 001/2009 Novas regras do Simples Nacional - Implicações no âmbito estadual Vigência: 1º/01/2009 A Lei Complementar nº 128, de 19 de dezembro de 2008, modificou a

Leia mais

AQUISIÇÕES INTERESTADUAIS INSTRUTORA: VALÉRIA PERES

AQUISIÇÕES INTERESTADUAIS INSTRUTORA: VALÉRIA PERES AQUISIÇÕES INTERESTADUAIS INSTRUTORA: VALÉRIA PERES 1 Entradas de mercadorias de outros Estados sujeitas ao regime da substituição tributária no Rio Grande do Sul ( ICMS ST pago na Entrada ) Procedimentos

Leia mais

Resolução do Senado nº 13/2012 ICMS nas Operações Interestaduais com bens importados

Resolução do Senado nº 13/2012 ICMS nas Operações Interestaduais com bens importados Resolução do Senado nº 13/2012 ICMS nas Operações Interestaduais com bens importados René de Oliveira e Sousa Júnior Diretor na Secretaria Executiva do Ministério da Fazenda e Presidente da COTEPE/ICMS,

Leia mais

ICMS Substituição Tributária. Outubro 2004

ICMS Substituição Tributária. Outubro 2004 ICMS Substituição Tributária Conceituação Consiste na alteração do momento do fato gerador, gerando uma antecipação do pagamento do imposto incidente nas operações seguintes. Responsabilidade Tributária

Leia mais

Fortaleza, 31/03/15. com Paulo Almada

Fortaleza, 31/03/15. com Paulo Almada Fortaleza, 31/03/15 com Paulo Almada Imposto sobre Operações relativas à Circulação de Mercadorias e sobre Prestações de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação ICMS Como

Leia mais

SPED - EFD Escrituração Fiscal Digital. Anexo II Lançamento de Ajustes por documento.

SPED - EFD Escrituração Fiscal Digital. Anexo II Lançamento de Ajustes por documento. SPED - EFD Escrituração Fiscal Digital. Anexo II Lançamento de Ajustes por documento. NF Modelo 1 e 1A, Avulsa, Produtor e NF-e. Este anexo detalha todos os lançamentos de Observações e Ajustes (filhos

Leia mais

Empresas Modalidade Geral e Simples Nacional (SN - Quando não Utilizar Nota Fiscal Eletrônica)

Empresas Modalidade Geral e Simples Nacional (SN - Quando não Utilizar Nota Fiscal Eletrônica) Empresas Modalidade Geral e Simples Nacional (SN - Quando não Utilizar Nota Fiscal Eletrônica) ICMS - Tabela - Código De Situação Tributária (CST) Este procedimento trata do Código de Situação Tributária

Leia mais

Evento Especial Antecipação Tributária Art. 426 A do RICMS. Apresentação: Fernanda Silva Samyr H. M. Qbar

Evento Especial Antecipação Tributária Art. 426 A do RICMS. Apresentação: Fernanda Silva Samyr H. M. Qbar Evento Especial Antecipação Tributária Art. 426 A do RICMS Apresentação: Fernanda Silva Samyr H. M. Qbar 24/09/2014 Substituição Tributária A substituição tributária do ICMS é um regime jurídico em que

Leia mais

Manual De Sped Fiscal E Sped Pis / Cofins

Manual De Sped Fiscal E Sped Pis / Cofins Manual De Sped Fiscal E Sped Pis / Cofins 29/05/2012 1 O Sped fiscal e Pis/Confins é uma arquivo gerado através do sistema da SD Informática, onde este arquivo contem todos os dados de entrada e saída

Leia mais

TESTES DA APOSTILA DE SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA PROF: ANTONIO SÉRGIO

TESTES DA APOSTILA DE SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA PROF: ANTONIO SÉRGIO TESTES DA APOSTILA DE SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA PROF: ANTONIO SÉRGIO Obs: os exercícios devem ser feitos utilizando apenas a LEGISLAÇÃO AUXILIAR constante ao final desta apostila. Questão 1 - DEFINIÇÃO É

Leia mais

20/09/2012 SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA ICMS -VINHO

20/09/2012 SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA ICMS -VINHO Treinamento atualizado com base na legislação vigente em: 20/09/2012 SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA ICMS -VINHO JP CONTÁBIL S/S LTDA AGOSTO/2012 Conceituação Consiste na alteração do momento do fato gerador,

Leia mais

Pergunte à CPA. Substituição Tributária entre os Estados de SP e MG

Pergunte à CPA. Substituição Tributária entre os Estados de SP e MG 12/06/2014 Pergunte à CPA Substituição Tributária entre os Estados de SP e MG Apresentação: Helen Mattenhauer Convênio e Protocolos CONVÊNIO: Constitui um acordo entre os Estados, cujo elaboração tem por

Leia mais

SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA RIA ICMS

SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA RIA ICMS SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA RIA ICMS Manual Explicativo José Roberto Rosa Por delegação da Constituição, a Lei complementar 87/96 define : SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA RIA EM OPERAÇÕES / PRESTAÇÕES Antecedentes

Leia mais

DIFERENCIAL DE ALÍQUOTA - Hipóteses de Incidência, Cálculo e Formas de Recolhimento. Matéria elaborada com base na Legislação vigente em: 06.10.2011.

DIFERENCIAL DE ALÍQUOTA - Hipóteses de Incidência, Cálculo e Formas de Recolhimento. Matéria elaborada com base na Legislação vigente em: 06.10.2011. DIFERENCIAL DE ALÍQUOTA - Hipóteses de Incidência, Cálculo e Formas de Recolhimento Matéria elaborada com base na Legislação vigente em: 06.10.2011. SUMÁRIO: 1 INTRODUÇÃO 2 HIPÓTESES DE INCIDÊNCIA 2.1

Leia mais

ICMS ANTECIPADO ESPECIAL - NÃO OPTANTES DO SIMPLES NACIONAL

ICMS ANTECIPADO ESPECIAL - NÃO OPTANTES DO SIMPLES NACIONAL ICMS ANTECIPADO ESPECIAL - NÃO OPTANTES DO SIMPLES NACIONAL PERGUNTAS E RESPOSTAS 1. Em que se constitui o ICMS ANTECIPADO ESPECIAL? R= Em valor correspondente à diferença entre a alíquota interna e a

Leia mais

OPERAÇÕES INTERESTADUAIS (1) ALÍQUOTA DE 4% APLICAÇÃO (2) NÃO APLICAÇÃO

OPERAÇÕES INTERESTADUAIS (1) ALÍQUOTA DE 4% APLICAÇÃO (2) NÃO APLICAÇÃO ICMS RESOLUÇÃO Nº 13, DO 25.04.12, DO SENADO FEDERAL BENS E MERCADORIAS IMPORTADOS DO EXTERIOR Domingos de Torre 02.01.13 OPERAÇÕES INTERESTADUAIS (1) ALÍQUOTA DE 4% VIGÊNCIA A PARTIR DE 01.01.2013 APLICAÇÃO

Leia mais

INFORMÁTICA PRODUTOS E PROGRAMAS

INFORMÁTICA PRODUTOS E PROGRAMAS atualizado em 21/10/2015 2 ÍNDICE INTRODUÇÃO...5 1. PROGRAMA DE COMPUTADOR ( SOFTWARE ) NÃO PERSONALIZADO...7 1.1. Saída Interna...7 1.1.1. Isenção...7 1.1.2. Crédito Presumido...7 1.2. Saída Interestadual...8

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Soma do IPI ao total da NF

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Soma do IPI ao total da NF Soma do 13/12/2013 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Normas Apresentadas pelo Cliente... 3 3. Análise da Consultoria... 4 3.1. Base de cálculo... 4 3.2. Emissão da Nota Fiscal com IPI... 5

Leia mais

INFORMÁTICA PRODUTOS E PROGRAMAS. (atualizado até 28.04.2015)

INFORMÁTICA PRODUTOS E PROGRAMAS. (atualizado até 28.04.2015) (atualizado até 28.04.2015) ÍNDICE INTRODUÇÃO... 3 1. PROGRAMA DE COMPUTADOR ( SOFTWARE ) NÃO PERSONALIZADO... 4 1.1. SAÍDA INTERNA... 4 1.1.1. Isenção... 4 1.1.2. Crédito Presumido... 4 1.2. SAÍDA INTERESTADUAL...

Leia mais

Emissão de Nota Fiscal Eletrônica

Emissão de Nota Fiscal Eletrônica Emissão de Nota Fiscal Eletrônica DANFE - Documento Auxiliar da Nota Fiscal Eletrônica. É um documento que serve para acobertar a circulação da mercadoria. Impresso em via única; Validade em meio digital

Leia mais

ICMS - Tabela - Aplicação da Alíquota nas Operações e Prestações Interestaduais

ICMS - Tabela - Aplicação da Alíquota nas Operações e Prestações Interestaduais ICMS - Tabela - Aplicação da Alíquota nas Operações e Prestações Interestaduais Resumo: Este procedimento apresenta as alíquotas interestaduais do ICMS, fixadas pela Resolução SF nº 22/1989, utilizadas

Leia mais

DIFERENCIAL DE ALÍQUOTAS E ANTECIPAÇÃO DO IMPOSTO

DIFERENCIAL DE ALÍQUOTAS E ANTECIPAÇÃO DO IMPOSTO DIFERENCIAL DE ALÍQUOTAS E ANTECIPAÇÃO DO IMPOSTO Agosto de 2015 Palestra DIFERENCIAL DE ALÍQUOTA NA AQUISIÇÃO DE MERCADORIAS INTRERESTADUAIS Tributação do ICMS nas entradas de outra Unidade da Federação

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária Segmentos ICMS/PR Tratamento tributário na importação pelos portos de Paranaguá e Antonina e por aeroportos

Parecer Consultoria Tributária Segmentos ICMS/PR Tratamento tributário na importação pelos portos de Paranaguá e Antonina e por aeroportos ICMS/PR Tratamento tributário na importação pelos portos de Paranaguá e Antonina e por aeroportos paranaenses 21/11/2014 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Normas apresentadas pelo cliente...

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Conhecimento de Transporte Eletrônico Estado Bahia

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Conhecimento de Transporte Eletrônico Estado Bahia 22/10/2013 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Normas Apresentadas pelo Cliente... 3 3. Análise da Consultoria... 3 3.1. Ajuste Sinief nº09/2007... 3 3.2. Resolução n 95/1966... 5 3.3. Lei nº

Leia mais

EXEMPLO DE EMISSÃO DA NOTA FISCAL

EXEMPLO DE EMISSÃO DA NOTA FISCAL GOVERNO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE ESTADO DE FAZENDA SUPERINTENDÊNCIA DE ANÁLISE DA RECEITA PÚBLICA GERÊNCIA DE RECUPERAÇÃO DA RECEITA PÚBLICA DECRETO nº 2334/2010 de 18 de janeiro de 2010, Procedimentos

Leia mais

Imposto sobre Produtos Industrializados - IPI

Imposto sobre Produtos Industrializados - IPI Imposto sobre Produtos Industrializados - IPI BASE CONSTITUCIONAL E LEGAL Artigo 153, Inciso IV, da Constituição Federal. Decreto 4.544 de 26/12/2002: Regulamento do IPI vigência a partir de 27/12/2002.

Leia mais

CST/CSOSN - Códigos de ICMS para Utilização pelo Simples Nacional na NF-e. Matéria elaborada com base na Legislação vigente em 22.02.2011.

CST/CSOSN - Códigos de ICMS para Utilização pelo Simples Nacional na NF-e. Matéria elaborada com base na Legislação vigente em 22.02.2011. CST/CSOSN - Códigos de ICMS para Utilização pelo Simples Nacional na NF-e Matéria elaborada com base na Legislação vigente em 22.02.2011. SUMÁRIO: 12 INTRODUÇÃO 2.1 NOTA CSTs que FISCAL, Não São MODELO

Leia mais

Pergunte à CPA. Devolução e Recusa de Mercadorias Regras gerais

Pergunte à CPA. Devolução e Recusa de Mercadorias Regras gerais 03/04/2014 Pergunte à CPA Devolução e Recusa de Mercadorias Regras gerais Apresentação: José A. Fogaça Neto Devolução regras gerais Artigo 4º - Para efeito de aplicação da legislação do imposto, considera-se...

Leia mais

SAD Gestor ERP. Módulo Estoque. Cadastro de Produto Escrita Fiscal. Seja Bem Vindo!

SAD Gestor ERP. Módulo Estoque. Cadastro de Produto Escrita Fiscal. Seja Bem Vindo! SAD Gestor ERP Módulo Estoque Cadastro de Produto Escrita Fiscal Seja Bem Vindo! Introdução O planejamento tributário deve fazer parte do cotidiano da empresa. É uma decisão estratégica que pode determinar

Leia mais

Seminário Mensal da Área Fiscal 21 de junho de 2013. José A. Fogaça Neto

Seminário Mensal da Área Fiscal 21 de junho de 2013. José A. Fogaça Neto Seminário Mensal da Área Fiscal 21 de junho de 2013 Apresentadores: Helen Mattenhauer Oliveira José A. Fogaça Neto Decreto nº 59.255/2013 Prorrogação do Programa Especial de Parcelamento (PEP do ICMS)

Leia mais

BuscaLegis.ccj.ufsc.br

BuscaLegis.ccj.ufsc.br BuscaLegis.ccj.ufsc.br ICMS substituição tributária. IVA ajustado. Um desajuste tributário para os estabelecimentos varejistas Paulo Henrique Gonçalves Sales Nogueira * Pretende se com o presente texto

Leia mais

Palestra. ICMS/SP Substituição Tributária Regime Especial Distribuidor. Apoio: Elaborado por: Giuliano Kessamiguiemon Gioia

Palestra. ICMS/SP Substituição Tributária Regime Especial Distribuidor. Apoio: Elaborado por: Giuliano Kessamiguiemon Gioia Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo Tel. (11) 3824-5400, 3824-5433 (teleatendimento), fax (11) 3824-5487 Email: desenvolvimento@crcsp.org.br web: www.crcsp.org.br Rua Rosa e Silva,

Leia mais

SUMÁRIO. Conteúdo. ICMS-ST... 4 MVAErro! Indicador não definido...4 GNRE...4

SUMÁRIO. Conteúdo. ICMS-ST... 4 MVAErro! Indicador não definido...4 GNRE...4 SUMÁRIO Conteúdo CONCEITO DE ICMS...1Erro! Indicador não definido. PRINCIPIOS QUE REGEM O ICMS... 2 BASE DE CALCULO DO ICMS... 2 ICMS Tabelas de Alíquotas nas Operações Interestaduais... 3 ICMS-ST... 4

Leia mais

Detalhamento dos Ajustes

Detalhamento dos Ajustes Detalhamento dos Ajustes 1- Tabela de Ajuste dos Saldos de Apuração do ICMS: Tabela de Códigos de Ajustes da Apuração do ICMS Tabela de códigos de ajustes da apuração será disponibilizada pelas administrações

Leia mais

INDUSTRIALIZAÇÃO POR ENCOMENDA- PROCEDIMENTO FISCAL. Apresentação: Helen Mattenhauer Samyr Qbar

INDUSTRIALIZAÇÃO POR ENCOMENDA- PROCEDIMENTO FISCAL. Apresentação: Helen Mattenhauer Samyr Qbar INDUSTRIALIZAÇÃO POR ENCOMENDA- PROCEDIMENTO FISCAL Apresentação: Helen Mattenhauer Samyr Qbar 27/09/2013 CONCEITO DE INDUSTRIALIZAÇÃO Art. 4 o Caracteriza industrialização qualquer operação que modifique

Leia mais

Dr. Luis Carlos Massoco - Presidente

Dr. Luis Carlos Massoco - Presidente Seminário Substituição Tributária e NF-e: desafios e caminhos para o setor de Tecnologia - Presidente SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA O Estado de São Paulo incluiu em sua lista de mercadorias sujeitas à substituição

Leia mais

ANEXO 4.7. Substituição Tributária nas Operações com Disco Fonográfico e Fita Virgem ou Gravada.

ANEXO 4.7. Substituição Tributária nas Operações com Disco Fonográfico e Fita Virgem ou Gravada. ANEXO 4.7 Substituição Tributária nas Operações com Disco Fonográfico e Fita Virgem ou Gravada. Protocolo ICMS 19/1985 Alterações: Protocolo ICMS 09/1986, 10/1987, 53/91, 05/98, 07/2000, 12/06, 72/07,

Leia mais

GUIA DIÁRIO DE ALTERAÇÕES 12.11.2015

GUIA DIÁRIO DE ALTERAÇÕES 12.11.2015 GUIA DIÁRIO DE ALTERAÇÕES 12.11.2015 1. ICMS Santa Catarina CONSULTA 77/2015 CHÁ MATE TOSTADO É MODALIDADE DE BENEFICIAMENTO DA ERVA MATE. O IMPOSTO DEVE SER CALCULADO PELA ALÍQUOTA DE 12%, CONFORME RICMS/SC,

Leia mais

SIMPLES NACIONAL DEVOLUÇÃO DE MERCADORIAS TRATAMENTO FISCAL

SIMPLES NACIONAL DEVOLUÇÃO DE MERCADORIAS TRATAMENTO FISCAL Matéria São Paulo SIMPLES NACIONAL DEVOLUÇÃO DE MERCADORIAS TRATAMENTO FISCAL SUMÁRIO 1. Introdução 2. Devolução Conceito 3. Crédito do Imposto no Recebimento de Mercadorias em Devolução ICMS e IPI 4.

Leia mais

INFORMATIVO JURÍDICO

INFORMATIVO JURÍDICO 1 ROSENTHAL E SARFATIS METTA ADVOGADOS INFORMATIVO JURÍDICO NÚMERO 5, ANO III MAIO DE 2011 1 ESTADO NÃO PODE RECUSAR CRÉDITOS DE ICMS DECORRENTES DE INCENTIVOS FISCAIS Fiscos Estaduais não podem autuar

Leia mais

Palestrante: Jorge Campos

Palestrante: Jorge Campos NF-e 2016 Entenda como o negócio será afetado com as novidades de 2016 Novas regras para NCM, Enquadramento do IPI, Emenda Constitucional 87/15 (DIFAL, CEST, Repasse Interestadual, GNRE) Controle de Remessa

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Produto de informática e automação redução de base de cálculo e alíquota - RJ

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Produto de informática e automação redução de base de cálculo e alíquota - RJ Produto de informática e automação redução de base de cálculo e alíquota - RJ 06/01/2014 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Normas Apresentadas pelo Cliente... 3 3. Análise da Consultoria...

Leia mais

Palestra. ICMS - Substituição Tributária - Atividades Sujeitas ao Regime. Julho 2010. Apoio: Elaborado por:

Palestra. ICMS - Substituição Tributária - Atividades Sujeitas ao Regime. Julho 2010. Apoio: Elaborado por: Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo Tel. (11) 3824-5400, 3824-5433 (teleatendimento), fax (11) 3824-5487 Email: desenvolvimento@crcsp.org.br web: www.crcsp.org.br Rua Rosa e Silva,

Leia mais

CRÉDITOS DE ICMS: ALTERNATIVAS E SOLUÇÕES PARA EMPRESAS

CRÉDITOS DE ICMS: ALTERNATIVAS E SOLUÇÕES PARA EMPRESAS CRÉDITOS DE ICMS: ALTERNATIVAS E SOLUÇÕES PARA EMPRESAS Melhoria de fluxo de caixa, através de regimes especiais que visem a desoneração do ICMS nas importações, aquisições de fornecedores e utilização

Leia mais

Imposto sobre operações relativas à circulação de mercadorias e sobre a prestação de serviços de transportes interestadual e intermunicipal e de

Imposto sobre operações relativas à circulação de mercadorias e sobre a prestação de serviços de transportes interestadual e intermunicipal e de Imposto sobre operações relativas à circulação de mercadorias e sobre a prestação de serviços de transportes interestadual e intermunicipal e de comunicação - ICMS BASE CONSTITUCIONAL E LEGAL Artigo 155,

Leia mais

Pergunte à CPA. Exportação- Regras Gerais

Pergunte à CPA. Exportação- Regras Gerais 13/03/2014 Pergunte à CPA Exportação- Regras Gerais Apresentação: Helen Mattenhauer Exportação Nos termos da Lei Complementar nº 87/1996, art. 3º, II, o ICMS não incide sobre operações e prestações que

Leia mais

INDUSTRIALIZAÇÃO POR ENCOMENDA: EFICIÊNCIA EM PLANEJAMENTO TRIBUTÁRIO. Desenvolvido por:

INDUSTRIALIZAÇÃO POR ENCOMENDA: EFICIÊNCIA EM PLANEJAMENTO TRIBUTÁRIO. Desenvolvido por: INDUSTRIALIZAÇÃO POR ENCOMENDA: EFICIÊNCIA EM PLANEJAMENTO TRIBUTÁRIO. Desenvolvido por: 2014 PRIMEIRA PARTE: DEFINIÇÃO E VANTAGENS O que é a industrialização por encomenda? É uma forma de ganhar eficiência

Leia mais

ANO XXIV - 2013-4ª SEMANA DE MARÇO DE 2013 BOLETIM INFORMARE Nº 13/2013

ANO XXIV - 2013-4ª SEMANA DE MARÇO DE 2013 BOLETIM INFORMARE Nº 13/2013 ANO XXIV - 2013-4ª SEMANA DE MARÇO DE 2013 BOLETIM INFORMARE Nº 13/2013 IPI ESTABELECIMENTOS EQUIPARADOS A INDUSTRIAIS - CONCEITO PARA CARACTERIZAÇÃO COMO CONTRIBUINTE DO IPI... Pág. 79 ICMS ES MANIFESTAÇÃO

Leia mais

ANO XXVI - 2015 5ª SEMANA DE JULHO DE 2015 BOLETIM INFORMARE Nº 31/2015

ANO XXVI - 2015 5ª SEMANA DE JULHO DE 2015 BOLETIM INFORMARE Nº 31/2015 ANO XXVI - 2015 5ª SEMANA DE JULHO DE 2015 BOLETIM INFORMARE Nº 31/2015 IPI ARTESANATO, OFICINA E TRABALHO PREPONDERANTE... Pág. 198 ICMS MG CARTA DE CORREÇÃO ELETRÔNICA - CC-E... Pág. 198 LEGISLAÇÃO MG

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Diferencial de alíquota para produtos com destino industrialização

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Diferencial de alíquota para produtos com destino industrialização Segmentos industrialização 09/01/2014 Título do documento Sumário Sumário... 2 1. Questão... 3 2. Normas apresentadas pelo cliente... 3 3. Análise da Legislação... 3 4. Conclusão... 7 5. Informações Complementares...

Leia mais

Versão 06/2012. Substituição Tributária

Versão 06/2012. Substituição Tributária Substituição Tributária 1 ÍNDICE 1. O que é a Substituição Tributária?... 3 1.1 Tipos de Substituição Tributária;... 3 1.2 Como é feito o Recolhimento da ST?... 3 1.3 Convênio e Aplicação... 3 1.4 Base

Leia mais

http://www.itcnet.com.br/materias/printable.php

http://www.itcnet.com.br/materias/printable.php Página 1 de 5 1 de Setembro, 2011 Impresso por ANDERSON JACKSON TOASSI DEVOLUÇÃO DE MERCADORIAS COMPRADAS NAS OPERAÇÕES COMERCIAIS 1 - Introdução Nas relações comerciais as operações de devolução e retorno

Leia mais

ICMS. SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA Medicamentos Similares, Perfumaria, Artigos de Higiene Pessoal e Cosméticos Aspectos Tributários Relevantes

ICMS. SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA Medicamentos Similares, Perfumaria, Artigos de Higiene Pessoal e Cosméticos Aspectos Tributários Relevantes ICMS SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA Medicamentos Similares, Perfuma, Artigos de Higiene Pessoal e Aspectos Tributários Relevantes Ricardo Bernardes Machado Consultor Tributário OAB/RS nº 44.811 ICMS - Noções

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Crédito diferencial de alíquota no Ativo Imobilizado - SP

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Crédito diferencial de alíquota no Ativo Imobilizado - SP Crédito 17/09/2014 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Normas apresentadas pelo cliente... 3 3. Análise da Consultoria... 4 3.1 Crédito do ICMS próprio adquirido do Simples Nacional com destino

Leia mais

DECRETO N 28.746, DE 06 DE JUNHO DE 2007

DECRETO N 28.746, DE 06 DE JUNHO DE 2007 DECRETO N 28.746, DE 06 DE JUNHO DE 2007 * Publicado no DOE em 08/06/2007. DISPÕE SOBRE A SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA NAS OPERAÇÕES COM APARELHOS CELULARES. O GOVERNADOR DO ESTADO DO CEARÁ, no uso das atribuições

Leia mais

IPI - Devolução de produtos - Tratamento fiscal

IPI - Devolução de produtos - Tratamento fiscal IPI - Devolução de produtos - Tratamento fiscal Sumário 1. Introdução... 2 2. Devolução por contribuinte do ICMS e/ou do IPI... 3 2.1 Procedimentos do contribuinte que efetuar a devolução... 3 2.1.1 Estorno

Leia mais

Perguntas e Respostas SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA (AGO- 2011) Remetente Destinatário Finalidade da mercadoria

Perguntas e Respostas SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA (AGO- 2011) Remetente Destinatário Finalidade da mercadoria INDICE: Tipo Operação Perguntas e Respostas SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA (AGO- 2011) Remetente Destinatário Finalidade da mercadoria Estoque - - Estoque de Não optante do sem ou com Regime Fidelidade Estoque

Leia mais

GUERRA FISCAL. Comitê Jurídico SWISSCAM 24 de maio de 2013

GUERRA FISCAL. Comitê Jurídico SWISSCAM 24 de maio de 2013 GUERRA FISCAL Comitê Jurídico SWISSCAM 24 de maio de 2013 I. Limites aos Incentivos de ICMS II. Guerra Fiscal e tipos de incentivos irregulares III. Medidas de Retaliação: Autos de Infração e outras IV.

Leia mais

Fundamentos da NF-e Exercícios Práticos. Luiz Campos

Fundamentos da NF-e Exercícios Práticos. Luiz Campos Fundamentos da NF-e Exercícios Práticos Luiz Campos 1 Livro de Apuração do IPI - CFOP CFOP DESCRIÇÃO 1.000 ENTRADAS OU AQUISIÇÕES DE SERVIÇOS DO ESTADO 1.100 COMPRAS PARA INDUSTRIALIZAÇÃO, PRODUÇÃO RURAL,

Leia mais

Avaliação Preliminar sobre Tributos e Incentivos

Avaliação Preliminar sobre Tributos e Incentivos Mesa de Controvérsias sobre Agrotóxicos Avaliação Preliminar sobre Tributos e Incentivos Aloisio L. P. de Melo Coord. Geral de Meio Ambiente e Mudanças Climáticas SPE/MF 21/09/2012 1 Roteiro 1. Tendências

Leia mais

( RIPI/2010, art. 43, VII, art. 190, II, art. 191 e art. 497, e RICMS-SP/2000 - Decreto nº 45.490/2000 )

( RIPI/2010, art. 43, VII, art. 190, II, art. 191 e art. 497, e RICMS-SP/2000 - Decreto nº 45.490/2000 ) ICMS/SP - Industrialização - Operações triangulares de industrialização 20 de Agosto de 2010 Em face da publicação do novo Regulamento do IPI, aprovado pelo Decreto nº 7.212/2010, este procedimento foi

Leia mais

Seminário Mensal da Área Fiscal 22 de março de 2013. José A. Fogaça Neto Samyr Qbar

Seminário Mensal da Área Fiscal 22 de março de 2013. José A. Fogaça Neto Samyr Qbar Seminário Mensal da Área Fiscal 22 de março de 2013 Apresentadores: Fernanda Silva José A. Fogaça Neto Samyr Qbar Seminário Mensal da Área Fiscal 22 de março de 2013 Recentes alterações: - NF-e Alterações

Leia mais