ESTÁGIO SUPERVISIONADO I EDUCAÇÃO INFANTIL CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA ANO LETIVO :

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ESTÁGIO SUPERVISIONADO I EDUCAÇÃO INFANTIL CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA ANO LETIVO :"

Transcrição

1 ESTÁGIO SUPERVISIONADO I EDUCAÇÃO INFANTIL Aluno: CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA ANO LETIVO : RA: Semestre: Turma: Endereço Completo: _ R. Cep: Telefone: Avaliação do Professor Orientador de Estágio: O Estágio Supervisionado tem o Parecer: ( ) Favorável ( ) Desfavorável Carga Horária Cumprida: 100 horas Data: / /. Prof. Ingride Roseli Vieira Tosta Núcleo de Coordenação de Estágios Rua: Conselheiro Crispiniano, 120- Centro São Paulo

2 ROTEIRO DE ORGANIZAÇÃO DO CADERNO DE ESTÁGIO I E N V E L O P E Folha de identificação * - ( DEVERÁ SER COLADA NO ENVELOPE ) CAPA Folha Carga Horária e Avaliação do Professor Orientador * Cadastro da escola * Atestado da escola, com a firma reconhecida* Folha Resumo das Atividades do Estágio* C A D E R N O: Capa Folha de identificação Carga Horária e Avaliação Final do estágio feito pelo Prof. Orientador Cópia do Cadastro da Escola e do atestado com firma reconhecida Relatório 1 - A escola Relatório 2 O Regimento Escolar Relatório 3 - Observação e Participação das aulas Relatório 4 Participação Relatório 5 LDB Relatório 6 Diretrizes Curriculares Nacionais Relatório 7 - Considerações Finais Cópia da Folha Resumo das Atividades do Estágio ATENÇÃO: os itens assinalados com asterisco devem ser colocados em separado num envelope. Por fora do envelope devem vir escritos: nome do aluno, número de matrícula, a etapa correspondente a este estágio (ETAPA I ). Sugerimos fazer cópia da primeira folha deste caderno. Estes documentos serão colocados no prontuário do aluno. O caderno, após correção, será devolvido para ser arquivado pelo próprio aluno.

3 Orientações Gerais O Estágio Supervisionado I deve ser realizado pelos (as) alunos (as) que estão devidamente matriculados no 4 0 semestre de Educação Física. Tal estágio ocorrerá obrigatoriamente em Escolas públicas e/ou particulares do Estado de São Paulo nas turmas de Educação Infantil, cumprindo a seguinte carga horária: Carga horária de estágio desta etapa: 100 h. ATIVIDADES DO ESTÁGIO A escola e seu contexto Aspectos físicos e infraestrutura Características da população escolar Análise do Regimento Escolar Observação /Participação em sala de aula Observação/ Participação das aulas de Educação Física (se não houver, das atividades físicas) Elaboração de plano de aula Aplicação do plano de aula (Regência) Questões sobre a Lei das Diretrizes e Bases da Educação Nacional Questões sobre as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Infantil Elaboração dos relatórios TOTAL CARGA HORÁRIA 02h 02h 02H 10H 20 H 30 H 05H 10H 04H 05H 10H 100H Para iniciar o estágio você deverá apresentar ao diretor(a) da escola a Carta de apresentação devidamente assinada pelo professor orientador de estágio. Estágio Supervisionado I AVALIAÇÃO FINAL DO PROFESSOR ORIENTADOR CONCEITO: ( ) ÓTIMO ( ) MUITO BOM ( ) BOM ( ) SUFICIENTE ( ) REGULAR ( ) INSUFICIENTE DATA: / / ASSINATURA DO PROFESSOR ORIENTADOR:

4 CARTA DE APRESENTAÇÃO DE ESTAGIÁRIO São Paulo, de de 20. Ilmo. Sr. (a) Diretor(a) da ESCOLA Apresento a V.S.a o (a) aluno (a) RA nº desta Instituição de Ensino, matriculado no curso de Educação Física, que deverá cumprir 100 horas de Estágio Supervisionado em turmas de Educação Infantil. Este Estágio, além de atender a uma exigência legal, visa proporcionar ao aluno o treinamento em situação real, levando-o à vivência de situações do cotidiano de uma escola. Para cumprir tal objetivo, a Direção da FACULDADE DE SÃO PAULO, estabelecida à Rua Conselheiro Crispiniano, nº 120, Centro, tel , vem, por meio do Professor Coordenador de Estágio, solicitar à V.S.a a devida autorização para a realização deste estágio. Contando com a sua inestimável colaboração, colocamo-nos à sua disposição para quaisquer informações que julgue necessárias. Orientador de Estágio Supervisionado

5 CADASTRO DA ESCOLA NOME DA ESCOLA : ENDEREÇO DA ESCOLA : BAIRRO: CIDADE: CEP: TELEFONE: FAX DIRETOR (A) : VICE-DIRETOR(A): COORDENADOR(A): OUTRAS INFORMAÇÕES: Se a escola for particular colocar o número e data de autorização. AUTORIZAÇÃO PARA REALIZAÇÃO DO ESTÁGIO. CARIMBO E ASSINATURA DO DIRETOR DA ESCOLA: DATA: / /

6 ( carimbo da escola ) A T E S T A D O Atesto para fins de comprovação de cumprimento de Estágio, que o(a) aluno RA: do Curso de EDUCAÇÃO FÍSICA da FACULDADE DE SÃO PAULO compareceu a esta Instituição de Ensino na qual desenvolveu atividades de Estágio cumprindo um total de horas no período de / / a / / nas classes de Educação Infantil. Por ser verdade, firmo o presente. São Paulo, de de Assinatura e Carimbo do DIRETOR da escola (Reconhecer firma em Cartório)

7 1.A ESCOLA 1.1. A escola e seu contexto Localize a escola no guia de ruas. Descreva a infraestrutura existente no entorno da escola. Anexe Xerox do guia destacando o bairro e a localização da escola. 1.2 Aspectos físicos e infraestrutura. Descreva os aspectos físicos da escola como: Tipo de prédio, conservação externa e interna, limpeza externa e interna, dependências de merenda, banheiros, bibliotecas, salas ambiente, sala de informática, sala de professores, gabinete dentário, espaço para estudos de formação continuada etc Caracterização da População Escolar Descreva o tipo de alunos atendidos pela escola. Observe o seu comportamento nos espaços coletivos, o material escolar que utiliza o linguajar. Pergunte se gostam ou não da escola. Por quê? Verifique se a escola atende alunos portadores de necessidades especiais. Relate como eles são acolhidos pela comunidade escolar. 2. O REGIMENTO ESCOLAR Para preencher este relatório, você deverá consultar o Regimento Comum da escola. A LDBEN 9394/96 estabelece que as escolas devem elaborar seus próprios regimentos. Ele consiste num conjunto de normas que regem todo o trabalho desenvolvido na escola. (Responda as questões abaixo de acordo com o Regimento) Regimento aprovado pelo Diário Oficial de / / 1. O regimento já foi alterado? Em que itens? Ele é conhecido pela equipe escolar? 2. Quais os Fins e/ou Objetivos propostos no Regimento Escolar? 3. O que estabelece o Regimento sobre a frequência e a compensação de ausências de alunos? 4. Relacione os direitos e deveres dos alunos que constam no regimento. Verifique o que foi estabelecido e reproduza aqui.

8 3.FICHA DE REGISTRO DAS ATIVIDADES DE OBSERVAÇÃO, REGÊNCIA E PARTICIPAÇÃO ALUNO : RA: CURSO: DATA HORÁRIO TIPO DE ATIVIDADE CONTEÚDO /ASSUNTO ESPECIFICO PROFESSOR RESPONSÁVEL TOTAL DE HORAS NESTA FOLHA : São Paulo, de de 20. Carimbo e Assinatura do Carimbo e Assinatura do Assinatura do DIRETOR Prof. Orientador Estagiário ( Faça cópias desta folha de acordo com a sua necessidade )

9 4. PARTICIPAÇÃO 4.1. Roteiro do Plano de Atividades Prepare um Plano para as atividades que pretende desenvolver. O Plano deve ter os seguintes itens: Atividade Pretendida, Objetivos a serem alcançados, Procedimentos, Recursos necessários e Avaliação. Anexe no final deste documento uma cópia dos planos de aulas. 4.2 Relatório de avaliação da aplicação da atividade Elabore um texto relatando como foi o desenvolvimento da atividade : Como foi a participação dos alunos? Como foi que você se sentiu? Os objetivos foram alcançados? Os recursos foram suficientes? Outras observações e análises que julgar importantes. 5.LEI DE DIRETRIZES E BASES DA EDUCAÇÃO NACIONAL LEI FEDERAL 9394 DE 20/12/ Qual é o objetivo da Educação Infantil? 2. Aponte os parágrafos que apresentam a Educação Infantil. Cite o que você considerou mais importante. 6.DIRETRIZES CURRICULARES DA EDUCAÇÃO INFANTIL 1. De acordo com os DCNs, qual a concepção de Educação Infantil? 2. Qual a orientação dos DCNs sobre a Diversidade no contexto da Educação Infantil? 3.O que os DCNs propõem sobre as Práticas Pedagógicas na Educação Infantil?

10 7.CONSIDERAÇÕES FINAIS Relate como foi à realização deste estágio para você. As dificuldades, os pontos positivos e as conclusões a que você chegou são pontos importantes para relatar.

11 D E C L A R A Ç Ã O D E R E C E B I M E N T O DECLARO que, nesta data, recebi do aluno: RA nº do CURSO de EDUCAÇÃO FÍSICA o CADERNO DE ESTÁGIO I. São Paulo, de de 20. Assinatura do responsável pelo recebimento

12 ESTÁGIO SUPERVISIONADO II ENSINO FUNDAMENTAL I Aluno: CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA ANO LETIVO : RA: Semestre: Turma: Endereço Completo: _ R. Cep: Telefone: Avaliação do Professor Orientador de Estágio: O Estágio Supervisionado tem o Parecer: ( ) Favorável ( ) Desfavorável Carga Horária Cumprida: 100 horas Data: / /. Prof. Ingride Roseli Vieira Tosta Núcleo de Coordenação de Estágios Rua: Conselheiro Crispiniano, 120- Centro São Paulo

13 ROTEIRO DE ORGANIZAÇÃO DO CADERNO DE ESTÁGIO II E N V E L O P E Folha de identificação * -( DEVERÁ SER COLADA NO ENVELOPE ) CAPA Folha Carga Horária e Avaliação do Professor Orientador * Cadastro da escola * Atestado da escola, com a firma reconhecida* Folha Resumo das Atividades do Estágio* C A D E R N O: Capa Folha de identificação Carga Horária e Avaliação Final do estágio feito pelo Prof. Orientador Cópia do Cadastro da Escola e do atestado com firma reconhecida Relatório 1 - A escola Relatoria 2 Proposta Pedagógica (Projeto Pegagógico) Relatório 3 - Ficha de Registro de Atividades de Observação e Participação Relatório 4 - Análise do Plano Anual de Educação Física do 1 ao 5 ano Relatório 5 - Elaboração de Plano de Aulas Relatório 6 Participação Relatório 7 Diretrizes Curriculares Nacionais para o Ensino Fundamental Relatório 8 - Considerações Finais Declaração de Recebimento ATENÇÃO: os itens assinalados com asterisco devem ser colocados em separado num envelope. Por fora do envelope devem vir escritos: nome do aluno, número de matrícula, a etapa correspondente a este estágio (ETAPA I ). Sugerimos fazer cópia da primeira folha deste caderno. Estes documentos serão colocados no prontuário do aluno. O caderno, após correção, será devolvido para ser arquivado pelo próprio aluno.

14 Orientações Gerais O Estágio Supervisionado II deve ser realizado pelos(as) alunos(as) que estão devidamente matriculados no 5 0 semestre de Educação Física. Tal estágio ocorrerá obrigatoriamente em Escolas públicas e/ou particulares do Estado de São Paulo nas turmas de Ensino Fundamental I, cumprindo a seguinte carga horária: Carga horária de estágio desta etapa: 100 h. ATIVIDADES DO ESTÁGIO A escola e seu contexto Aspectos físicos e infraestrutura Características da população escolar Análise do Projeto Pedagógico Observação/ Participação das aulas de Educação Física Elaboração de plano de aula Aplicação da atividade (Regência) Questões sobre a Lei das Diretrizes e Bases da Educação Nacional Questões sobre as Diretrizes Curriculares Nacionais para o Ensino Fundamental Elaboração dos relatórios TOTAL CARGA HORÁRIA 02h 02h 02H 10H 50 H 05H 10H 04H 05H 10H 100H Para iniciar o estágio você deverá apresentar ao diretor(a) da escola a Carta de Apresentação devidamente assinada pelo professor orientador de estágio. Estágio Supervisionado II AVALIAÇÃO FINAL DO PROFESSOR ORIENTADOR CONCEITO: ( ) ÓTIMO ( ) MUITO BOM ( ) BOM ( ) SUFICIENTE ( ) REGULAR ( ) INSUFICIENTE DATA: / / ASSINATURA DO PROFESSOR ORIENTADOR:

15 CARTA DE APRESENTAÇÃO DE ESTAGIÁRIO São Paulo, de de 20. Ilmo. Sr. (a) Diretor(a) da ESCOLA Apresento a V.S.a o (a) aluno (a) RA nº desta Instituição de Ensino, matriculado no curso de Educação Física, que deverá cumprir 100 horas de Estágio Supervisionado em turmas de Ensino Fundamental I. Este Estágio, além de atender a uma exigência legal, visa proporcionar ao aluno o treinamento em situação real, levando-o à vivência de situações do cotidiano de uma escola. Para cumprir tal objetivo, a Direção da FACULDADE DE SÃO PAULO, estabelecida à Rua Conselheiro Crispiniano, nº 120, Centro, tel , vem, por meio do Professor Coordenador de Estágio, solicitar à V.S.a a devida autorização para a realização deste estágio. Contando com a sua inestimável colaboração, colocamo-nos à sua disposição para quaisquer informações que julgue necessárias. Orientador de Estágio Supervisionado

16 CADASTRO DA ESCOLA NOME DA ESCOLA : ENDEREÇO DA ESCOLA : BAIRRO: CIDADE: CEP: TELEFONE: FAX DIRETOR (A) : VICE-DIRETOR(A): COORDENADOR(A): OUTRAS INFORMAÇÕES: Se a escola for particular colocar o número e data de autorização. AUTORIZAÇÃO PARA REALIZAÇÃO DO ESTÁGIO. CARIMBO E ASSINATURA DO DIRETOR DA ESCOLA: DATA: / /

17 ( carimbo da escola ) A T E S T A D O Atesto para fins de comprovação de cumprimento de Estágio, que o(a) aluno RA: do Curso de EDUCAÇÃO FÍSICA da FACULDADE DE SÃO PAULO compareceu a esta Instituição de Ensino na qual desenvolveu atividades de Estágio cumprindo um total de horas no período de / / a / / nas classes de Ensino Fundamental I. Por ser verdade, firmo o presente. São Paulo, de de Assinatura e Carimbo do DIRETOR da escola (Reconhecer firma em Cartório)

18 1. A ESCOLA 1.1. A escola e seu contexto Localize a escola no guia de ruas. Descreva a infraestrutura existente no entorno da escola. Anexe o xerox do guia destacando o bairro e a localização da escola. 1.2 Aspectos físicos e infraestrutura. Descreva os aspectos físicos da escola como: Tipo de prédio, conservação externa e interna, limpeza externa e interna, dependências de merenda, banheiros, bibliotecas, salas ambiente, sala de informática, sala de professores, gabinete dentário, espaço para estudos de formação continuada etc Caracterização da População Escolar Descreva o tipo de alunos atendidos pela escola. Observe o seu comportamento nos espaços coletivos, o material escolar que utiliza o linguajar. Pergunte se gostam ou não da escola. Por quê? Verifique se a escola atende alunos com necessidades especiais. Relate como eles são acolhidos pela comunidade escolar. 2. O PROJETO PEDAGÓGICO (da escola) A Proposta Pedagógica é o documento no qual a escola detalha o seu trabalho. Sua elaboração é um momento de reflexão da equipe escolar para a tomada de decisão sobre as ações que devem ser desenvolvidas para a solução de dificuldades identificadas. Elabore um relatório orientando-se pelas perguntas abaixo. Quais os objetivos que a escola estabeleceu para o Ensino Fundamental I? A escola desenvolve algum Projeto específico para os alunos do Ensino Fundamental I? Descreva-o e comente os resultados esperados. Quais atividades desenvolvidas no Ensino Fundamental I são consideradas bem sucedidas?

19 3.FICHA DE REGISTRO DAS ATIVIDADES DE OBSERVAÇÃO, REGÊNCIA E PARTICIPAÇÃO ALUNO : RA: CURSO: DATA HORÁRIO TIPO DE ATIVIDADE CONTEÚDO /ASSUNTO ESPECIFICO PROFESSOR RESPONSÁVEL TOTAL DE HORAS NESTA FOLHA : São Paulo, de de 20. Carimbo e Assinatura do Carimbo e Assinatura do Assinatura do DIRETOR Prof. Orientador Estagiário

20 4.ANÁLISE DO PLANO ANUAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA Anotar os objetivos pretendidos e o rol dos conteúdos que serão trabalhados no Ensino Médio nas duas disciplinas separadamente 5. ELABORAÇÃO DE PLANO DE AULAS Dentre os conteúdos propostos no Plano Anual selecionar um dos temas e elaborar um Plano de Aulas para Educação Física. Este deverá ser apresentado ao professor da escola e, após aprovado, ser aplicado na escola pelo graduando. NOME DO PROFESSOR : (você) COMPONENTE CURRICULAR : EDUCAÇÃO FÍSICA ANOS A QUE SE DESTINA : 1º ao 5º ano OBJETIVOS PRETENDIDOS : CONTEÚDOS SELECIONADOS : PROCEDIMENTOS DE ENSINO : (anexar as atividades escolhidas) RECURSOS A SEREM UTILIZADOS : AVALIAÇÃO : BIBLIOGRAFIA CONSULTADA :

21 6. PARTICIPAÇÃO 6.1. Roteiro do Plano de Atividades Prepare um Plano para as atividades que pretende desenvolver. O Plano deve ter os seguintes itens: Atividade Pretendida, Objetivos a serem alcançados, Procedimentos, Recursos necessários, Avaliação. Anexe aqui uma copiado seu plano. 6.2 Relatório de avaliação da aplicação da atividade Elabore um texto relatando como foi o desenvolvimento da atividade : Como foi o desempenho dos alunos? Como foi que você se sentiu? Os objetivos foram alcançados? Os recursos foram suficientes? Outras observações e análises que julgar importantes. 7.DIRETRIZES CURRICULARES NACIONAIS PARA O ENSINO FUNDAMENTAL DE NOVE ANOS QUESTÕES 1. De acordo com as DCNs, como se organiza o Ensino Fundamental? 2. O que diz as DCNs sobre o prjeto político pedagógico para o ensino de 9 anos? 3. Faça um resumo sobre a A entrada de crianças de 6 (seis) anos no Ensino Fundamental, proposto nas DCNs 8.LEI DE DIRETRIZES E BASES DA EDUCAÇÃO NACIONAL LEI FEDERAL 9394 DE 20/12/ Segundo o artigo 32, qual é o objetivo do Ensino Fundamental? 2. Explique, com suas palavras, a determinação do 4º do artigo 32 : O ensino fundamental será presencial, sendo o ensino à distância utilizado como complementação da aprendizagem ou em situações emergenciais. 3. O que diz a LDB sobre a Educação Física?

22 9.CONSIDERAÇÕES FINAIS Relate como foi à realização deste estágio para você. As dificuldades, os pontos positivos e as conclusões a que você chegou são pontos importantes para relatar.

23 D E C L A R A Ç Ã O D E R E C E B I M E N T O DECLARO que, nesta data, recebi do aluno: RA nº do CURSO de EDUCAÇÃO FÍSICA o CADERNO DE ESTÁGIO II. São Paulo, de de 20. Assinatura do responsável pelo recebimento

24 ESTÁGIO SUPERVISIONADO III ENSINO FUNDAMENTAL II Aluno: CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA ANO LETIVO : RA: Semestre: Turma: Endereço Completo: _ R. Cep: Telefone: Avaliação do Professor Orientador de Estágio: O Estágio Supervisionado tem o Parecer: ( ) Favorável ( ) Desfavorável Carga Horária Cumprida: 100 horas Data: / /. Prof. Ingride Roseli Vieira Tosta Núcleo de Coordenação de Estágios Rua: Conselheiro Crispiniano, 120- Centro São Paulo

25 ROTEIRO DE ORGANIZAÇÃO DO CADERNO DE ESTÁGIO III E N V E L O P E Folha de identificação * - ( DEVERÁ SER COLADA NO ENVELOPE) CAPA Folha Carga Horária e Avaliação do Professor Orientador * Cadastro da escola * Atestado da escola, com a firma reconhecida* Folha Resumo das Atividades do Estágio* C A D E R N O: Capa Folha de identificação Carga Horária e Avaliação Final do estágio feito pelo Prof. Orientador Cópia do Cadastro da Escola e do atestado com firma reconhecida Relatório 1 - A escola Relatoria 2 Proposta Pedagógica (Projeto Pegagógico) Relatório 3 - Ficha de Registro de Atividades de Observação e Participação Relatório 4 - Análise do Plano Anual de Educação Física do 6 ao 9 ano Relatório 5 - Elaboração de Plano de Aulas Relatório 6 Elaboração e um Projeto para o 9 ano Relatório 7 Relatório de Aplicação do projeto Relatório 8 - Considerações Finais Declaração de Recebimento ATENÇÃO: os itens assinalados com asterisco devem ser colocados em separado num envelope. Por fora do envelope devem vir escritos: nome do aluno, número de matrícula, a etapa correspondente a este estágio (ETAPA I ). Sugerimos fazer cópia da primeira folha deste caderno. Estes documentos serão colocados no prontuário do aluno. O caderno, após correção, será devolvido para ser arquivado pelo próprio aluno.

26 Orientações Gerais O Estágio Supervisionado III deve ser realizado pelos(as) alunos(as) que estão devidamente matriculados no 6 0 semestre de Educação Física. Tal estágio ocorrerá obrigatoriamente em Escolas públicas e/ou particulares do Estado de São Paulo nas turmas de Ensino Fundamental II, cumprindo a seguinte carga horária: Carga horária de estágio desta etapa: 100 h. ATIVIDADES DO ESTÁGIO A escola e seu contexto Aspectos físicos e infraestrutura Características da população escolar Análise do Plano Anual de Educação Física Observação/ Participação das aulas de Educação Física Elaboração de plano de aula Aplicação da atividade (Regência) Elaboração de Projeto Aplicação do Projeto Elaboração dos relatórios TOTAL CARGA HORÁRIA 02h 02h 02H 10H 50 H 05H 10H 5h 4h 10H 100H Para iniciar o estágio você deverá apresentar ao diretor(a) da escola a Carta de Apresentação devidamente assinada pelo professor orientador de estágio. Estágio Supervisionado III AVALIAÇÃO FINAL DO PROFESSOR ORIENTADOR CONCEITO: ( ) ÓTIMO ( ) MUITO BOM ( ) BOM ( ) SUFICIENTE ( ) REGULAR ( ) INSUFICIENTE DATA: / / ASSINATURA DO PROFESSOR ORIENTADOR:

27 CARTA DE APRESENTAÇÃO DE ESTAGIÁRIO São Paulo, de de 20. Ilmo. Sr. (a) Diretor(a) da ESCOLA Apresento a V.S.a o (a) aluno (a) RA nº desta Instituição de Ensino, matriculado no curso de Educação Física, que deverá cumprir 100 horas de Estágio Supervisionado em turmas de Ensino Fundamental II Este Estágio, além de atender a uma exigência legal, visa proporcionar ao aluno o treinamento em situação real, levando-o à vivência de situações do cotidiano de uma escola. Para cumprir tal objetivo, a Direção da FACULDADE DE SÃO PAULO, estabelecida à Rua Conselheiro Crispiniano, nº 120, Centro, tel , vem, por meio do Professor Coordenador de Estágio, solicitar à V.S.a a devida autorização para a realização deste estágio. Contando com a sua inestimável colaboração, colocamo-nos à sua disposição para quaisquer informações que julgue necessárias. Orientador de Estágio Supervisionado

28 CADASTRO DA ESCOLA NOME DA ESCOLA : ENDEREÇO DA ESCOLA : BAIRRO: CIDADE: CEP: TELEFONE: FAX DIRETOR (A) : VICE-DIRETOR(A): COORDENADOR(A): OUTRAS INFORMAÇÕES: Se a escola for particular colocar o número e data de autorização. AUTORIZAÇÃO PARA REALIZAÇÃO DO ESTÁGIO. CARIMBO E ASSINATURA DO DIRETOR DA ESCOLA: DATA: / /

29 ( carimbo da escola ) A T E S T A D O Atesto para fins de comprovação de cumprimento de Estágio, que o(a) aluno RA: do Curso de EDUCAÇÃO FÍSICA da FACULDADE DE SÃO PAULO compareceu a esta Instituição de Ensino na qual desenvolveu atividades de Estágio cumprindo um total de horas no período de / / a / / nas classes de Ensino Fundamental II. Por ser verdade, firmo o presente. São Paulo, de de Assinatura e Carimbo do DIRETOR da escola (Reconhecer firma em Cartório)

30 1. A ESCOLA 1.2. A escola e seu contexto Localize a escola no guia de ruas. Descreva a infraestrutura existente no entorno da escola. Anexe o xerox do guia destacando o bairro e a localização da escola. 1.3 Aspectos físicos e infraestrutura. Descreva os aspectos físicos da escola como: Tipo de prédio, conservação externa e interna, limpeza externa e interna, dependências de merenda, banheiros, bibliotecas, salas ambiente, sala de informática, sala de professores, gabinete dentário, espaço para estudos de formação continuada etc Caracterização da População Escolar Descreva o tipo de alunos atendidos pela escola. Observe o seu comportamento nos espaços coletivos, o material escolar que utiliza o linguajar. Pergunte se gostam ou não da escola. Por quê? Verifique se a escola atende alunos com necessidades especiais. Relate como eles são acolhidos pela comunidade escolar. 2. O PROJETO PEDAGÓGICO (da escola) A Proposta Pedagógica é o documento no qual a escola detalha o seu trabalho. Sua elaboração é um momento de reflexão da equipe escolar para a tomada de decisão sobre as ações que devem ser desenvolvidas para a solução de dificuldades identificadas. Elabore um relatório orientando-se pelas perguntas abaixo. (Anote a pergunta e responda em seguida ) A Proposta Pedagógica foi elaborada pelo coletivo da escola? Quais os profissionais que participaram da sua construção? Em que ano a proposta foi elaborada? Qual a duração prevista? Quais os objetivos em torno dos quais a escola vai trabalhar? A escola desenvolve algum Projeto? Descreva-o e comente os resultados esperados. Quais atividades desenvolvidas pela escola são consideradas bem sucedidas?

31 3.FICHA DE REGISTRO DAS ATIVIDADES DE OBSERVAÇÃO, REGÊNCIA E PARTICIPAÇÃO ALUNO : RA: CURSO: DATA HORÁRIO TIPO DE ATIVIDADE CONTEÚDO /ASSUNTO ESPECIFICO PROFESSOR RESPONSÁVEL TOTAL DE HORAS NESTA FOLHA : São Paulo, de de 20. Carimbo e Assinatura do Carimbo e Assinatura do Assinatura do DIRETOR Prof. Orientador Estagiário

32 4.ANÁLISE DO PLANO ANUAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA Anotar os objetivos pretendidos e o rol dos conteúdos que serão trabalhados no Ensino Médio nas duas disciplinas separadamente 5. ELABORAÇÃO DE PLANO DE AULAS Dentre os conteúdos propostos no Plano Anual selecionar um dos temas e elaborar um Plano de Aulas para Educação Física. Este deverá ser apresentado ao professor da escola e, após aprovado, ser aplicado na escola pelo graduando. NOME DO PROFESSOR : (você) COMPONENTE CURRICULAR : EDUCAÇÃO FÍSICA ANOS A QUE SE DESTINA : 1º ao 5º ano OBJETIVOS PRETENDIDOS : CONTEÚDOS SELECIONADOS : PROCEDIMENTOS DE ENSINO : (anexar as atividades escolhidas) RECURSOS A SEREM UTILIZADOS : AVALIAÇÃO : BIBLIOGRAFIA CONSULTADA :

33 6. ELABORAÇÃO DE PROJETO PARA O 9º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL Fazer um projeto é lançar ideias para frente, é prever as etapas do trabalho, é definir aonde se quer chegar com ele. Assim, durante o trabalho prático, saberemos como agir, que decisões tomar, qual o próximo passo que teremos de dar em direção ao objetivo desejado. Projetos de Ensino na Educação Projeto é uma atividade que se desenvolve diante de uma situação problemática, concreta, real, para a qual buscam-se soluções práticas. Fazer um projeto é lançar ideias para frente, é prever as etapas do trabalho, é definir onde se quer chegar com ele. Assim, durante o trabalho prático, saberemos como agir, que decisões tomar, qual o próximo passo que teremos de dar em direção ao objetivo desejado. Etapas de um Projeto: Título deve mostrar o problema a ser resolvido, ou a solução encontrada; Justificativa mostra a importância educativa e social do problema apresentado; Objetivos - enriquecimentos obtidos ao longo da realização do projeto ; a) Objetivo Geral relaciona-se ao título, deve mostrar a finalidade, o proveito do projeto. b) Objetivos Específicos relaciona-se ao objetivo geral, mas trata das etapas para se atingir o objetivo final; Metas são as etapas do que se pretende alcançar. Devem ser estabelecidas com antecedência; Recursos Materiais elencar os materiais necessários ao trabalho; Cronograma período previsto para a aplicação do projeto ; Ações é o desenvolvimento do Projeto ; Avaliação verifica-se se os objetivos foram atingidos através de critérios estabelecidos pela equipe ou professor. Bibliografia citar a bibliografia consultada. ANEXE AQUI CÓPIA DO SEU PROJETO

34 7. RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO DA APLICAÇÃO DO PROJETO Elabore um texto relatando como foi o desenvolvimento da atividade : Como foi a participação dos alunos? Como foi que você se sentiu? Os objetivos foram alcançados? Os recursos foram suficientes? Outras observações e análises que julgar importantes. 9. CONSIDERAÇÕES FINAIS Relate como foi à realização deste estágio para você. As dificuldades, os pontos positivos e as conclusões a que você chegou são pontos importantes para relatar.

35 D E C L A R A Ç Ã O D E R E C E B I M E N T O DECLARO que, nesta data, recebi do aluno: RA nº do CURSO de EDUCAÇÃO FÍSICA o CADERNO DE ESTÁGIO III. São Paulo, de de 20. Assinatura do responsável pelo recebimento

36 ESTÁGIO SUPERVISIONADO IV ENSINO MÉDIO Aluno: CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA ANO LETIVO : RA: Semestre: Turma: Endereço Completo: _ R. Cep: Telefone: Avaliação do Professor Orientador de Estágio: O Estágio Supervisionado tem o Parecer: ( ) Favorável ( ) Desfavorável Carga Horária Cumprida: 100 horas Data: / /. Prof. Ingride Roseli Vieira Tosta Núcleo de Coordenação de Estágios Rua: Conselheiro Crispiniano, 120- Centro São Paulo

37 ROTEIRO DE ORGANIZAÇÃO DO CADERNO DE ESTÁGIO IV E N V E L O P E Folha de identificação * - ( DEVERÁ SER COLADA NO ENVELOPE) CAPA Folha Carga Horária e Avaliação do Professor Orientador * Cadastro da escola * Atestado da escola, com a firma reconhecida* Folha Resumo das Atividades do Estágio* C A D E R N O: Capa Folha de identificação Carga Horária e Avaliação Final do estágio feito pelo Prof. Orientador Cópia do Cadastro da Escola e do atestado com firma reconhecida Relatório 1 - A escola Relatoria 2 Proposta Pedagógica (Projeto Pegagógico) Relatório 3 - Ficha de Registro de Atividades de Observação e Participação Relatório 4 - Análise do Plano Anual de Educação Física do Ensino Médio Relatório 5 - Elaboração de Plano de Aulas Relatório 6 Elaboração e um Plano Anual para o Ensino Médio Relatório 7 - Considerações Finais Declaração de Recebimento ATENÇÃO: os itens assinalados com asterisco devem ser colocados em separado num envelope. Por fora do envelope devem vir escritos: nome do aluno, número de matrícula, a etapa correspondente a este estágio (ETAPA I ). Sugerimos fazer cópia da primeira folha deste caderno. Estes documentos serão colocados no prontuário do aluno. O caderno, após correção, será devolvido para ser arquivado pelo próprio aluno.

38 Orientações Gerais O Estágio Supervisionado IV deve ser realizado pelos(as) alunos(as) que estão devidamente matriculados no 6 0 semestre de Educação Física. Tal estágio ocorrerá obrigatoriamente em Escolas públicas e/ou particulares do Estado de São Paulo nas turmas de Ensino Médio, cumprindo a seguinte carga horária: Carga horária de estágio desta etapa: 100 h. ATIVIDADES DO ESTÁGIO A escola e seu contexto Aspectos físicos e infraestrutura Características da população escolar Análise do Plano Anual de Educação Física Observação/ Participação das aulas de Educação Física Elaboração de plano de aula Aplicação da atividade (Regência) Elaboração de Plano de Ensino Elaboração dos relatórios TOTAL CARGA HORÁRIA 02h 02h 02H 10H 50 H 05H 10H 9h 10H 100H Para iniciar o estágio você deverá apresentar ao diretor(a) da escola a Carta de Apresentação devidamente assinada pelo professor orientador de estágio. Estágio Supervisionado IV AVALIAÇÃO FINAL DO PROFESSOR ORIENTADOR CONCEITO: ( ) ÓTIMO ( ) MUITO BOM ( ) BOM ( ) SUFICIENTE ( ) REGULAR ( ) INSUFICIENTE DATA: / / ASSINATURA DO PROFESSOR ORIENTADOR:

39 CARTA DE APRESENTAÇÃO DE ESTAGIÁRIO São Paulo, de de 20. Ilmo. Sr. (a) Diretor(a) da ESCOLA Apresento a V.S.a o (a) aluno (a) RA nº desta Instituição de Ensino, matriculado no curso de Educação Física, que deverá cumprir 100 horas de Estágio Supervisionado em turmas de Ensino Médio. Este Estágio, além de atender a uma exigência legal, visa proporcionar ao aluno o treinamento em situação real, levando-o à vivência de situações do cotidiano de uma escola. Para cumprir tal objetivo, a Direção da FACULDADE DE SÃO PAULO, estabelecida à Rua Conselheiro Crispiniano, nº 120, Centro, tel , vem, por meio do Professor Coordenador de Estágio, solicitar à V.S.a a devida autorização para a realização deste estágio. Contando com a sua inestimável colaboração, colocamo-nos à sua disposição para quaisquer informações que julgue necessárias. Orientador de Estágio Supervisionado

40 CADASTRO DA ESCOLA NOME DA ESCOLA : ENDEREÇO DA ESCOLA : BAIRRO: CIDADE: CEP: TELEFONE: FAX DIRETOR (A) : VICE-DIRETOR(A): COORDENADOR(A): OUTRAS INFORMAÇÕES: Se a escola for particular colocar o número e data de autorização. AUTORIZAÇÃO PARA REALIZAÇÃO DO ESTÁGIO. CARIMBO E ASSINATURA DO DIRETOR DA ESCOLA: DATA: / /

41 ( carimbo da escola ) A T E S T A D O Atesto para fins de comprovação de cumprimento de Estágio, que o(a) aluno RA: do Curso de EDUCAÇÃO FÍSICA da FACULDADE DE SÃO PAULO compareceu a esta Instituição de Ensino na qual desenvolveu atividades de Estágio cumprindo um total de horas no período de / / a / / nas classes de Ensino Médio Por ser verdade, firmo o presente. São Paulo, de de Assinatura e Carimbo do DIRETOR da escola (Reconhecer firma em Cartório)

42 1. A ESCOLA 1.3. A escola e seu contexto Localize a escola no guia de ruas. Descreva a infraestrutura existente no entorno da escola. Anexe o xerox do guia destacando o bairro e a localização da escola. 1.4 Aspectos físicos e infraestrutura. Descreva os aspectos físicos da escola como: Tipo de prédio, conservação externa e interna, limpeza externa e interna, dependências de merenda, banheiros, bibliotecas, salas ambiente, sala de informática, sala de professores, gabinete dentário, espaço para estudos de formação continuada etc Caracterização da População Escolar Descreva o tipo de alunos atendidos pela escola. Observe o seu comportamento nos espaços coletivos, o material escolar que utiliza o linguajar. Pergunte se gostam ou não da escola. Por quê? Verifique se a escola atende alunos com necessidades especiais. Relate como eles são acolhidos pela comunidade escolar. 2. O PROJETO PEDAGÓGICO (da escola) A Proposta Pedagógica é o documento no qual a escola detalha o seu trabalho. Sua elaboração é um momento de reflexão da equipe escolar para a tomada de decisão sobre as ações que devem ser desenvolvidas para a solução de dificuldades identificadas. Elabore um relatório orientando-se pelas perguntas abaixo. (Anote a pergunta e responda em seguida ) A Proposta Pedagógica foi elaborada pelo coletivo da escola? Quais os profissionais que participaram da sua construção? Em que ano a proposta foi elaborada? Qual a duração prevista? Quais os objetivos em torno dos quais a escola vai trabalhar? A escola desenvolve algum Projeto? Descreva-o e comente os resultados esperados. Quais atividades desenvolvidas pela escola são consideradas bem sucedidas?

43 3.FICHA DE REGISTRO DAS ATIVIDADES DE OBSERVAÇÃO, REGÊNCIA E PARTICIPAÇÃO ALUNO : RA: CURSO: DATA HORÁRIO TIPO DE ATIVIDADE CONTEÚDO /ASSUNTO ESPECIFICO PROFESSOR RESPONSÁVEL TOTAL DE HORAS NESTA FOLHA : São Paulo, de de 20. Carimbo e Assinatura do Carimbo e Assinatura do Assinatura do DIRETOR Prof. Orientador Estagiário

44 4.ANÁLISE DO PLANO ANUAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA Anotar os objetivos pretendidos e o rol dos conteúdos que serão trabalhados no Ensino Médio nas duas disciplinas separadamente 5. ELABORAÇÃO DE PLANO DE AULAS Dentre os conteúdos propostos no Plano Anual selecionar um dos temas e elaborar um Plano de Aulas para Educação Física. Este deverá ser apresentado ao professor da escola e, após aprovado, ser aplicado na escola pelo graduando. NOME DO PROFESSOR : (você) COMPONENTE CURRICULAR : EDUCAÇÃO FÍSICA ANOS A QUE SE DESTINA : 1º ao 5º ano OBJETIVOS PRETENDIDOS : CONTEÚDOS SELECIONADOS : PROCEDIMENTOS DE ENSINO : (anexar as atividades escolhidas) RECURSOS A SEREM UTILIZADOS : AVALIAÇÃO : BIBLIOGRAFIA CONSULTADA :

45 6. ELABORAÇÃO DE PLANO ANUAL PARA AS AULAS DO ENSINO MÉDIO O aluno deverá construir um Plano de Aulas para os três anos do Ensino Médio O Plano deverá ser composto por: Objetivos, Conteúdos, Métodos, Avaliação e Recursos Materiais referentes a um ano de aula, apresentando também como trabalhará com os temas transversais no decorrer do ano. ANEXE AQUI CÓPIA DO SEU PLANO DE ENSINO ANUAL 7. CONSIDERAÇÕES FINAIS Relate como foi à realização deste estágio para você. As dificuldades, os pontos positivos e as conclusões a que você chegou são pontos importantes para relatar.

46 D E C L A R A Ç Ã O D E R E C E B I M E N T O DECLARO que, nesta data, recebi do aluno: RA nº do CURSO de EDUCAÇÃO FÍSICA o CADERNO DE ESTÁGIO IV. São Paulo, de de 20. Assinatura do responsável pelo recebimento

Pedagogia LICENCIATURA

Pedagogia LICENCIATURA CURSO DE LICENCIATURA EM PEDAGOGIA Portaria de Reconhecimento nº. 286 de 21 de dezembro de 2012 ROTEIRO DE ORGANIZAÇÃO DO CADERNO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I EDUCAÇÃO INFANTIL Pedagogia LICENCIATURA CURSO

Leia mais

Pedagogia LICENCIATURA

Pedagogia LICENCIATURA CURSO DE LICENCIATURA EM PEDAGOGIA Portaria de Reconhecimento nº. 286 de 21 de dezembro de 2012 ROTEIRO DE ORGANIZAÇÃO DO CADERNO DE ESTÁGIO III GESTÃO ESCOLAR Pedagogia LICENCIATURA CURSO DE LICENCIATURA

Leia mais

ASSOCIAÇÃO TABOÃO DA SERRA DE EDUCAÇÃO E CULTURA FACULDADE SUDOESTE PAULISTANO MANUAL PARA ELABORAÇÃO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO

ASSOCIAÇÃO TABOÃO DA SERRA DE EDUCAÇÃO E CULTURA FACULDADE SUDOESTE PAULISTANO MANUAL PARA ELABORAÇÃO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO ASSOCIAÇÃO TABOÃO DA SERRA DE EDUCAÇÃO E CULTURA FACULDADE SUDOESTE PAULISTANO MANUAL PARA ELABORAÇÃO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO EDUCAÇÃO INFANTIL - PEDAGOGIA Diretrizes e Orientações Coordenador de Estágio

Leia mais

ASSOCIAÇÃO TABOÃO DA SERRA DE EDUCAÇÃO E CULTURA FACULDADE SUDOESTE PAULISTANO MANUAL PARA ELABORAÇÃO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO

ASSOCIAÇÃO TABOÃO DA SERRA DE EDUCAÇÃO E CULTURA FACULDADE SUDOESTE PAULISTANO MANUAL PARA ELABORAÇÃO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO ASSOCIAÇÃO TABOÃO DA SERRA DE EDUCAÇÃO E CULTURA FACULDADE SUDOESTE PAULISTANO MANUAL PARA ELABORAÇÃO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO GESTÃO ESCOLAR - PEDAGOGIA Diretrizes e Orientações Coordenador de Estágio

Leia mais

ASSOCIAÇÃO TABOÃO DA SERRA DE EDUCAÇÃO E CULTURA FACULDADE SUDOESTE PAULISTANO MANUAL PARA ELABORAÇÃO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO EDUCAÇÃO ESPECIAL

ASSOCIAÇÃO TABOÃO DA SERRA DE EDUCAÇÃO E CULTURA FACULDADE SUDOESTE PAULISTANO MANUAL PARA ELABORAÇÃO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO EDUCAÇÃO ESPECIAL ASSOCIAÇÃO TABOÃO DA SERRA DE EDUCAÇÃO E CULTURA FACULDADE SUDOESTE PAULISTANO MANUAL PARA ELABORAÇÃO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO EDUCAÇÃO ESPECIAL Diretrizes e Orientações Coordenador de Estágio Profª Adil

Leia mais

UNIVERSIDADE CAMILO CASTELO BRANCO ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO PEDAGOGIA. 1. Licenciatura Plena

UNIVERSIDADE CAMILO CASTELO BRANCO ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO PEDAGOGIA. 1. Licenciatura Plena UNIVERSIDADE CAMILO CASTELO BRANCO ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO PEDAGOGIA 1. Licenciatura Plena Prática de Gestão Escolar da Educação Básica Prática de Coordenação e Orientação Educacional da Educação

Leia mais

ROTEIRO DE ORGANIZAÇÃO DO CADERNO DE ESTÁGIO I. Educação Física LICENCIATURA Portaria de Reconhecimento nº. 428 de 28 de julho de 2014

ROTEIRO DE ORGANIZAÇÃO DO CADERNO DE ESTÁGIO I. Educação Física LICENCIATURA Portaria de Reconhecimento nº. 428 de 28 de julho de 2014 ROTEIRO DE ORGANIZAÇÃO DO CADERNO DE ESTÁGIO I Educação Física LICENCIATURA Portaria de Reconhecimento nº. 428 de 28 de julho de 2014 E N V E L O P E Folha de identificação*; Capa; Folha carga horária

Leia mais

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE ILHA SOLTEIRA CNPJ: / FACULDADE DE ILHA SOLTEIRA - FAISA

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE ILHA SOLTEIRA CNPJ: / FACULDADE DE ILHA SOLTEIRA - FAISA INSTITUTO DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE ILHA SOLTEIRA CNPJ: 03.117.139/0001-08 FACULDADE DE ILHA SOLTEIRA - FAISA ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE PEDAGOGIA EDUCAÇÃO INFANTIL Ilha Solteira SP

Leia mais

ESTÁGIO SUPERVISIONADO

ESTÁGIO SUPERVISIONADO ESTÁGIO SUPERVISIONADO I- DA EXIGÊNCIA - Resolução CNE/CP 1/ 2002, que institui as Diretrizes Curriculares Nacionais para a formação de professores da Educação Básica, em nível superior, curso de licenciatura,

Leia mais

LICENCIATURA EM MATEMÁTICA CADERNO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO ENSINO MÉDIO

LICENCIATURA EM MATEMÁTICA CADERNO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO ENSINO MÉDIO LICENCIATURA EM MATEMÁTICA CADERNO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO ENSINO MÉDIO RIBEIRÃO PRETO 2013 ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO Aluno: RA: Ano/semestre: Período letivo: 2 SUMÁRIO ORIENTAÇÕES

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE SERVIÇO SOCIAL I INTRODUÇÃO

REGULAMENTO DE ESTÁGIO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE SERVIÇO SOCIAL I INTRODUÇÃO REGULAMENTO DE ESTÁGIO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE SERVIÇO SOCIAL I INTRODUÇÃO O estágio curricular do curso de Serviço Social é uma atividade obrigatória, em consonância com as Diretrizes Curriculares Nacionais

Leia mais

Anexo I Tabela das Atividades Complementares do curso de Licenciatura em Química do IF Goiano Câmpus Ceres. Acadêmico: Data: Grupo de atividades

Anexo I Tabela das Atividades Complementares do curso de Licenciatura em Química do IF Goiano Câmpus Ceres. Acadêmico: Data: Grupo de atividades Anexo I Tabela das Atividades Complementares do curso de Licenciatura em Química do IF Goiano Câmpus Ceres. Acadêmico: Data: Grupo de atividades ATIVIDADES DE ENSINO ATIVIDADES DE PESQUISA ATIVIDADES DE

Leia mais

CURSO DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO

CURSO DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURSO DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA Santa Maria, RS. 2012 SUMÁRIO CAPÍTULO I... 3 DA NATUREZA E DOS OBJETIVOS... 3 CAPÍTULO II... 4 REGULARIZAÇÃO DO ESTÁGIO... 4 CAPÍTULO III... 5 DOS ASPECTOS LEGAIS... 5

Leia mais

MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO Licenciatura em Educação Artística (Artes Cênicas Artes Plásticas Música)

MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO Licenciatura em Educação Artística (Artes Cênicas Artes Plásticas Música) MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO Licenciatura em Educação Artística (Artes Cênicas Artes Plásticas Música) FACULDADE PAULISTA DE ARTES FPA Av. Brigadeiro Luís Antonio, 1224 Bela Vista CEP: 01318-001 São

Leia mais

Escola Superior de Ciências Sociais ESCS

Escola Superior de Ciências Sociais ESCS Escola Superior de Ciências Sociais ESCS Manual do Estágio Supervisionado Curso de Graduação - Licenciatura em História MANUAL DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO Conforme legislação em

Leia mais

MANUAL DE ESTÁGIO Licenciaturas em: - Geografia - História - Informática - Letras

MANUAL DE ESTÁGIO Licenciaturas em: - Geografia - História - Informática - Letras MANUAL DE ESTÁGIO Licenciaturas em: - Geografia - História - Informática - Letras Rio de Janeiro Julho/2013 1. Apresentação O presente Manual foi reorganizado pelos membros do Colegiado dos Cursos de Licenciatura

Leia mais

MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO BACHARELADO EM EDUCAÇÃO FÍSICA

MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO BACHARELADO EM EDUCAÇÃO FÍSICA 1. APRESENTAÇÃO De acordo com a nova LDB, no Artigo 82, fica estabelecido que: Os sistemas de ensino estabelecerão as normas para a realização dos estágios dos alunos regularmente matriculados no ensino

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR DO CURSO DE PEDAGOGIA

REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR DO CURSO DE PEDAGOGIA REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR DO CURSO DE PEDAGOGIA DA FACULDADE ANGLO-AMERICANO CAPÍTULO I DA CARACTERIZAÇÃO Art. 1º Este Regulamento disciplina as atividades do Estágio Curricular Supervisionado,

Leia mais

RESOLUÇÃO. Esta Resolução entra em vigor nesta data, revogada a Resolução CONSEPE 43/2005 e demais disposições contrárias.

RESOLUÇÃO. Esta Resolução entra em vigor nesta data, revogada a Resolução CONSEPE 43/2005 e demais disposições contrárias. RESOLUÇÃO CONSEPE 42/2007 ALTERA O REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO, DO CÂMPUS DE BRAGANÇA PAULISTA DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO. O Presidente do Conselho de Ensino, Pesquisa

Leia mais

MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO Licenciatura em Educação Artística (Artes Cênicas Artes Plásticas Música)

MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO Licenciatura em Educação Artística (Artes Cênicas Artes Plásticas Música) MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO Licenciatura em Educação Artística (Artes Cênicas Artes Plásticas Música) FACULDADE PAULISTA DE ARTES FPA Av. Brigadeiro Luís Antonio, 1224 Bela Vista CEP: 01318-001 São

Leia mais

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE ILHA SOLTEIRA CNPJ: / FACULDADE DE ILHA SOLTEIRA - FAISA

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE ILHA SOLTEIRA CNPJ: / FACULDADE DE ILHA SOLTEIRA - FAISA INSTITUTO DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE ILHA SOLTEIRA CNPJ: 03.117.139/0001-08 FACULDADE DE ILHA SOLTEIRA - FAISA ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE PEDAGOGIA ENSINO FUNDAMENTAL Ilha Solteira SP

Leia mais

Credenciada pela Portaria Ministerial nº 1734 de 06/08/2001, D.O.U. de 07/08/2001

Credenciada pela Portaria Ministerial nº 1734 de 06/08/2001, D.O.U. de 07/08/2001 ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE LICENCIATURA: EDUCAÇÃO FÍSICA (Portaria de Reconhecimento nº 428 de 28 de julho de 2014) E PEDAGOGIA (Portaria de Reconhecimento nº 286 de 21 de dezembro de 2012) ORIENTAÇÕES

Leia mais

(nome do aluno) PLANO DE ESTÁGIO - Licenciatura em: Pedagogia( ) Letras ( ) Estágio I ( ), Estágio II ( ), Estágio III ( ) BARRETOS ANO

(nome do aluno) PLANO DE ESTÁGIO - Licenciatura em: Pedagogia( ) Letras ( ) Estágio I ( ), Estágio II ( ), Estágio III ( ) BARRETOS ANO (nome do aluno) PLANO DE ESTÁGIO - Licenciatura em: Pedagogia( ) Letras ( ) Estágio I ( ), Estágio II ( ), Estágio III ( ) BARRETOS ANO (Nome do aluno) PLANO DE ESTÁGIO - Licenciatura em: Pedagogia( )

Leia mais

ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO

ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO 1) UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE ITABERAÍ CURSO DE PEDAGOGIA ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO REGULAMENTO Itaberaí/2012 UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE ITABERAÍ CURSO DE

Leia mais

ORGANIZAÇÃO E FUNCIONAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO. A disciplina de Estágio Supervisionado ocorrerá, sempre que possível, da seguinte

ORGANIZAÇÃO E FUNCIONAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO. A disciplina de Estágio Supervisionado ocorrerá, sempre que possível, da seguinte ORGANIZAÇÃO E FUNCIONAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO forma: A disciplina de Estágio Supervisionado ocorrerá, sempre que possível, da seguinte 1. Primeiro contato com a administração e o serviço de supervisão

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO CAPITULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO CAPITULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1 REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO CAPITULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º - Este regulamento normatiza as atividades relacionadas ao Estágio Curricular do Curso de Administração

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS ANEXO I REGULAMENTO GERAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES I Da Exigência das Atividades Complementares As Atividades Complementares

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE EDUCAÇÃO ARTÍSTICA LICENCIATURA

REGULAMENTO GERAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE EDUCAÇÃO ARTÍSTICA LICENCIATURA REGULAMENTO GERAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE EDUCAÇÃO ARTÍSTICA LICENCIATURA I Da Exigência das Atividades Complementares As Atividades Complementares do Curso de graduação em Educação Artística,

Leia mais

MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO Cursos de Licenciatura FACCAMP QUÍMICA

MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO Cursos de Licenciatura FACCAMP QUÍMICA MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO Cursos de Licenciatura FACCAMP QUÍMICA Campo Limpo Paulista ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO O Estágio Curricular Supervisionado, a ser desenvolvido em escola particular

Leia mais

Biomedicina - Bacharelado Nome do Aluno: Coordenador do Curso: Ano de início do Curso:

Biomedicina - Bacharelado Nome do Aluno: Coordenador do Curso: Ano de início do Curso: Biomedicina - Bacharelado Nome do Aluno: Coordenador do Curso: Ano de início do Curso: PASTA DE ESTÁGIO Biomedicina Unidade de Gestão da Educação Presencial Gedup ORIENTAÇÕES 1. Considera-se Estágio Curricular

Leia mais

Regulamento de Estágio Supervisionado do Curso de Licenciatura em Educação Física (3 anos)

Regulamento de Estágio Supervisionado do Curso de Licenciatura em Educação Física (3 anos) Regulamento de Estágio Supervisionado do Curso de Licenciatura em Educação Física (3 anos) 2012-2013 1 Prezado (a) estagiário (a), O presente manual visa orientá-lo (la) quanto à realização do Estágio

Leia mais

ROTEIRO DE ORGANIZAÇÃO DO CADERNO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO II EDUCAÇÃO ESPECIAL

ROTEIRO DE ORGANIZAÇÃO DO CADERNO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO II EDUCAÇÃO ESPECIAL CURSO DE LICENCIATURA EM PEDAGOGIA Portaria de Reconhecimento nº. 286 de 21 de dezembro de 2012 ROTEIRO DE ORGANIZAÇÃO DO CADERNO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO II EDUCAÇÃO ESPECIAL Pedagogia LICENCIATURA CURSO

Leia mais

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR FABRA GUIA DE APRESENTAÇÃO DA MATÉRIA ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR FABRA GUIA DE APRESENTAÇÃO DA MATÉRIA ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO CENTRO DE ENSINO SUPERIOR FABRA GUIA DE APRESENTAÇÃO DA MATÉRIA ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Serra 2013 SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 OBJETIVOS DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO.... 4 ACOMPANHAMENTO

Leia mais

MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM GESTÃO EDUCACIONAL

MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM GESTÃO EDUCACIONAL CENTRO UNIVERSITÁRIO PAULISTANO UniPaulistana Departamento de Pedagogia MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM GESTÃO EDUCACIONAL PEDAGOGIA GESTÃO EDUCACIONAL São Paulo 2008 R. Madre Cabrini, 38 Vila Mariana

Leia mais

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS MANUAL DE ORIENTAÇÃO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS MANUAL DE ORIENTAÇÃO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS MANUAL DE ORIENTAÇÃO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO Alunos do 5º ciclo, a partir de 2012 Arujá - SP 2012 1 SUMÁRIO APRESENTAÇÃO... 3 1. OBJETIVO GERAL DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO

Leia mais

F A C I C FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANAS DE CRUZEIRO

F A C I C FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANAS DE CRUZEIRO (deve ser emitido em papel timbrado da Escola) ATESTADO DE DOCÊNCIA* Atesto, para os devidos fins, que, R.G. exerceu horas de docência na ( ) Educação Infantil ( ) Ensino Fundamental Séries Iniciais, nessa

Leia mais

UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SANTOS Centro de Ciências da Educação

UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SANTOS Centro de Ciências da Educação UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SANTOS Centro de Ciências da Educação CADERNO DE ESTÁGIOS LICENCIATURAS Organização Curricular das Práticas e dos Estágios Supervisionados dos cursos de Licenciatura com duração

Leia mais

FORMAÇÃO PEDAGÓGICA EM SAÚDE MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO PÓS-GRADUAÇÃO

FORMAÇÃO PEDAGÓGICA EM SAÚDE MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO PÓS-GRADUAÇÃO FORMAÇÃO PEDAGÓGICA EM SAÚDE MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO PÓS-GRADUAÇÃO COORDENAÇÃO GERAL Diretor Geral Prof. Adalberto Miranda Distassi Coordenador Geral de Estágio: Prof. Ricardo Constante Martins

Leia mais

Nome do curso: Pedagogia

Nome do curso: Pedagogia Nome do curso: Pedagogia MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO Artigo 1º - O ESTÁGIO SUPERVISIONADO, previsto na Lei nº 9394/96 de Diretrizes e Bases da Educação Nacional de 20 de dezembro de 1996, visa a complementar

Leia mais

CARTA DE APRESENTAÇÃO

CARTA DE APRESENTAÇÃO MODELO PARA FOTOCÓPIA MANUAL DE ESTÁGIO 2005 AO ESTAGIÁRIO: Multiplique a carta abaixo e entregue ao responsável pela Escola CARTA DE APRESENTAÇÃO O Centro Universitário do Sul de Minas UNIS-MG tem como

Leia mais

CURSO DE GRADUAÇÃO EM TURISMO (BACHARELADO)

CURSO DE GRADUAÇÃO EM TURISMO (BACHARELADO) CURSO DE GRADUAÇÃO EM TURISMO (BACHARELADO) O Curso de Graduação em Turismo da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ibitinga foi reformulado no ano de 2008, tendo a proposta de adaptação do seu

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA A ELABORAÇÃO DO RELATÓRIO DO ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO

ORIENTAÇÕES PARA A ELABORAÇÃO DO RELATÓRIO DO ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO ORIENTAÇÕES PARA A ELABORAÇÃO DO RELATÓRIO DO ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO O Relatório de Estágio é um documento que relata todas as atividades desenvolvidas pelo aluno durante o período de estágio.

Leia mais

NORMAS GERAIS DE ESTÁGIO PARA O CURSO DE PÓS- GRADUAÇÃO: GESTÃO, SUPERVISÃO E ORIENTAÇÃO EDUCACIONAL

NORMAS GERAIS DE ESTÁGIO PARA O CURSO DE PÓS- GRADUAÇÃO: GESTÃO, SUPERVISÃO E ORIENTAÇÃO EDUCACIONAL NORMAS GERAIS DE ESTÁGIO PARA O CURSO DE PÓS- GRADUAÇÃO: GESTÃO, SUPERVISÃO E ORIENTAÇÃO EDUCACIONAL APRESENTAÇÃO Este manual destina-se a orientação dos procedimentos a serem adotados durante o estágio

Leia mais

RESOLUÇÃO CONSEPE 19/2007

RESOLUÇÃO CONSEPE 19/2007 RESOLUÇÃO CONSEPE 19/2007 ALTERA O REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO, DO CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA, MODALIDADE LICENCIATURA DO CÂMPUS DE BRAGANÇA PAULISTA DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO. O Vice-Reitor

Leia mais

Resolução nº. 01/09. Título I Estágio Supervisionado. Capítulo I. Caracterização do Estágio:

Resolução nº. 01/09. Título I Estágio Supervisionado. Capítulo I. Caracterização do Estágio: 1 Resolução nº. 01/09 Aprovar o Regulamento do Estágio Curricular Supervisionado do Curso de Pedagogia - considerando o art.70, VII do Regimento desta Instituição; - considerando necessidade de normatizar

Leia mais

Estágio Supervisionado III

Estágio Supervisionado III Estágio Supervisionado III Prof. Jorge Fernandes de Lima Neto INSTRUÇÕES A) Minha visão do estágio supervisionado antes de iniciá-lo: Preencher esse formulário descrevendo sua visão de estágio. faça duas

Leia mais

Orientações de Estágio. Pedagogia 4 Semestre

Orientações de Estágio. Pedagogia 4 Semestre Orientações de Estágio Pedagogia 4 Semestre 1 Sumário INTRODUÇÃO... 3 1. ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE PEDAGOGIA... 3 1.1 - Responsabilidades da Monitoria do Estágio Supervisionado:... 4 1.2 - Responsabilidades

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO DO CURSO DE LICENCIATURA EM LETRAS LÍNGUA PORTUGUÊSA INGLÊS E RESPECTIVAS LITERATURAS.

REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO DO CURSO DE LICENCIATURA EM LETRAS LÍNGUA PORTUGUÊSA INGLÊS E RESPECTIVAS LITERATURAS. REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO DO CURSO DE LICENCIATURA EM LETRAS LÍNGUA PORTUGUÊSA INGLÊS E RESPECTIVAS LITERATURAS. FUNDAMENTAÇÃO LEGAL O presente regulamento fundamenta-se nos termos

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE FORMIGA CREDENCIAMENTO: Decreto Publicado em 05/08/2004 RECREDENCIAMENTO: Decreto Publicado em 15/12/2006

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE FORMIGA CREDENCIAMENTO: Decreto Publicado em 05/08/2004 RECREDENCIAMENTO: Decreto Publicado em 15/12/2006 REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE PEDAGOGIA DO CENTRO UNIVERSITÁRIO DE FORMIGA UNIFOR-MG (Ato de Aprovação: Resolução do Reitor Nº 47/2010 de 30/04/2010) Art. 1º O Estágio Curricular Supervisionado

Leia mais

ROTEIRO DE ORGANIZAÇÃO DO CADERNO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I EDUCAÇÃO INFANTIL

ROTEIRO DE ORGANIZAÇÃO DO CADERNO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I EDUCAÇÃO INFANTIL 0 ROTEIRO DE ORGANIZAÇÃO DO CADERNO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I EDUCAÇÃO INFANTIL Pedagogia LICENCIATURA Versão Novembro de 2016 E N V E L O P E 1 Folha de identificação; Folha carga horária e avaliação

Leia mais

Manual de Estágio Supervisionado de

Manual de Estágio Supervisionado de Manual de Estágio Supervisionado de Licenciatura Educação Artística - Artes Visuais Gestão de Carreiras FAAP Faculdade de Artes Plásticas Ano de 2015 1 Índice I ESTÁGIO SUPERVISIONADO: Conceito, Objetivo,

Leia mais

SEGURANÇA DO TRABALHO

SEGURANÇA DO TRABALHO MANUAL DE ESTÁGIO SEGURANÇA DO TRABALHO Aluno (a): Curso: Nº: Turma: Telefones: Residencial Celular E-mail: 1. APRESENTAÇÃO O Estágio Profissional supervisionado constitui um dos requisitos mínimos obrigatórios

Leia mais

Curso de Sistema de Informação

Curso de Sistema de Informação 1 Regulamento de Estágio Curricular Obrigatório Curso de Sistema de Informação Cascavel - PR CAPITULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º. Este regulamento tem por finalidade normatizar o Estágio Curricular

Leia mais

CARTA DE APRESENTAÇÃO DE ESTÁGIO. À: DIREÇÃO DA (nome da Instituição Concedente do Estágio)

CARTA DE APRESENTAÇÃO DE ESTÁGIO. À: DIREÇÃO DA (nome da Instituição Concedente do Estágio) CARTA DE APRESENTAÇÃO DE ESTÁGIO, de de. À: DIREÇÃO DA (nome da Instituição Concedente do Estágio) Do: COORDENADOR DE ESTÁGIO DA ESCOLA SUPERIOR ABERTA DO BRASIL - ESAB ASSUNTO: APRESENTAÇÃO DE ESTAGIÁRIO

Leia mais

Fundação Presidente Antônio Carlos - FUPAC Faculdade Presidente Antônio Carlos de Aimorés

Fundação Presidente Antônio Carlos - FUPAC Faculdade Presidente Antônio Carlos de Aimorés REGULAMENTO DO ESTAGIO SUPERVISIONADO Regulamenta o Estágio Supervisionado do Curso de Pedagogia no âmbito da Faculdade Presidente Antônio Carlos de Aimorés. CAPÍTULO I DA NATUREZA E DAS FINALIDADES Art.

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO DO CURSO DE ENGENHARIA CIVIL DO CESUBE

REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO DO CURSO DE ENGENHARIA CIVIL DO CESUBE REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO DO CURSO DE ENGENHARIA CIVIL DO CESUBE Considerando o significado e a importância do Estágio como parte fundamental da formação profissional, define-se

Leia mais

MODELO (Fonte arial ou times new Roman o tamanho da fonte estará entre parênteses)

MODELO (Fonte arial ou times new Roman o tamanho da fonte estará entre parênteses) MODELO (Fonte arial ou times new Roman o tamanho da fonte estará entre parênteses) Nome do Aluno (14) N. RA: (14) CURSO DE PEDAGOGIA (16) RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO (16) SÃO PAULO (12) 20 (12)

Leia mais

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO FACULDADE ASSIS GURGACZ REGULAMENTO DE TRABALHO DE CURSO

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO FACULDADE ASSIS GURGACZ REGULAMENTO DE TRABALHO DE CURSO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO FACULDADE ASSIS GURGACZ REGULAMENTO DE TRABALHO DE CURSO Cascavel 2015 APRESENTAÇÃO Este Regulamento de Trabalho de Curso está pautado nas Diretrizes Curriculares do curso de Administração

Leia mais

No Estágio Curricular Supervisionado em História II a carga horária será de: Teoria- 40h/aula e Prática - 60h: Estágio de regência na escola.

No Estágio Curricular Supervisionado em História II a carga horária será de: Teoria- 40h/aula e Prática - 60h: Estágio de regência na escola. UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ DEPARTAMENTO DE HISTÓRIA CURSO DE HISTÓRIA/LICENCIATURA MANUAL DO ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO EM HISTÓRIA Apresentação O Estágio Curricular Supervisionado

Leia mais

Curso de Engenharia de Elétrica

Curso de Engenharia de Elétrica Regulamento de Estágio Curricular Obrigatório Curso de Engenharia de Elétrica Cascavel-PR 2011 - 2 - CAPITULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º. Este regulamento tem por finalidade normatizar o Estágio

Leia mais

PROGRAD. Pró-Reitoria de Graduação ASCOM UFG

PROGRAD. Pró-Reitoria de Graduação ASCOM UFG PROGRAD Pró-Reitoria de Graduação ASCOM UFG ASCOM UFG Caderno de Dúvidas Frequentes Estágio UFG Equipe de Apoio da Coordenação Geral de Estágio Samuel Cavalcante - Secretário Executivo Utinay Batista -

Leia mais

NORMAS DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO PARA OS CURSOS DE LICENCIATURA EM LETRAS DA PUCRS

NORMAS DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO PARA OS CURSOS DE LICENCIATURA EM LETRAS DA PUCRS NORMAS DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO PARA OS CURSOS DE LICENCIATURA EM LETRAS DA PUCRS CURSOS DE LICENCIATURA EM LETRAS: Habilitações: Língua Portuguesa e respectivas Literaturas Língua Espanhola e respectivas

Leia mais

REGULAMENTO DO COMPONENTE CURRICULAR TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DO CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

REGULAMENTO DO COMPONENTE CURRICULAR TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DO CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO REGULAMENTO DO COMPONENTE CURRICULAR TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DO CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 1. Das Disposições Preliminares Art. 1 o. Este Regulamento tem por finalidade normatizar as atividades

Leia mais

REGULAMENTO DO LABORATÓRIO INTEGRADO DE DESIGN E ENGENHARIA DE PRODUTO - LIDEP

REGULAMENTO DO LABORATÓRIO INTEGRADO DE DESIGN E ENGENHARIA DE PRODUTO - LIDEP REGULAMENTO DO LABORATÓRIO INTEGRADO DE DESIGN E ENGENHARIA DE PRODUTO - LIDEP A Coordenadora da Faculdade de Ciência e Tecnologia de Montes Claros FACIT, no uso de suas atribuições regimentais, considerando

Leia mais

Universidade do Vale do Paraíba Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas e Comunicação Curso Superior de Tecnologia em Gastronomia

Universidade do Vale do Paraíba Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas e Comunicação Curso Superior de Tecnologia em Gastronomia Universidade do Vale do Paraíba Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas e Comunicação Curso Superior de Tecnologia em Gastronomia PASSO A PASSO PARA ATIVIDADES PRÁTICAS COMPLEMENTARES São atividades obrigatórias

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DE ESTÁGIO CURRICULAR DO CURSO DE LICENCIATURA EM QUÍMICA

REGULAMENTO GERAL DE ESTÁGIO CURRICULAR DO CURSO DE LICENCIATURA EM QUÍMICA REGULAMENTO GERAL DE ESTÁGIO CURRICULAR DO CURSO DE LICENCIATURA EM QUÍMICA Universidade Federal de Goiás Instituto de Química ORIENTAÇÕES E NORMAS SOBRE O ESTÁGIO CURRICULAR PARA ESTUDANTES DO CURSO DE

Leia mais

MANUAL DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO ADMINISTRAÇÃO

MANUAL DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO ADMINISTRAÇÃO MANUAL DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO ADMINISTRAÇÃO 1 SUMÁRIO Lista de Anexos... 3 1. APRESENTAÇÃO... 4 2. FUNDAMENTAÇÃO LEGAL... 5 3. DEFINIÇÕES... 5 4. OBJETIVOS... 6 5. PLANEJAMENTO E COMPETÊNCIAS...

Leia mais

Regulamento Geral das Atividades Complementares do CENTRO UNIVERSITÁRIO SANT ANNA

Regulamento Geral das Atividades Complementares do CENTRO UNIVERSITÁRIO SANT ANNA Regulamento Geral das Atividades Complementares do CENTRO UNIVERSITÁRIO SANT ANNA São Paulo - 2010 CAPÍTULO I DA NATUREZA E DEFINIÇÃO Art. 1º As Atividades Complementares, com a sigla ACs, de todos os

Leia mais

Manual de Estágio Supervisionado de

Manual de Estágio Supervisionado de Manual de Estágio Supervisionado de Licenciatura em Educação Artística Estrutura Curricular 2009 2 Gestão de Carreiras FAAP Faculdade de Artes Plásticas Ano de 2014 1 Índice I ESTÁGIO SUPERVISIONADO: Conceito,

Leia mais

CADERNO DE ORIENTAÇÃO AO ESTÁGIO SUPERVISIONADO

CADERNO DE ORIENTAÇÃO AO ESTÁGIO SUPERVISIONADO CADERNO DE ORIENTAÇÃO AO ESTÁGIO SUPERVISIONADO Supervisores: Profa Cátia A. Farias (Eng. Ambiental) Profa. Ediléa de Vasconcelos(Operacional) Coordenadora: Profa. Vivian Telles Paim Teresópolis 2012 1

Leia mais

Curso de Engenharia de Computação Regulamento dos Trabalhos de Conclusão de Curso

Curso de Engenharia de Computação Regulamento dos Trabalhos de Conclusão de Curso 1 Centro Universitário de Araraquara UNIARA Departamento de Ciências da Administração e Tecnologia Curso de Engenharia de Computação Regulamento dos Trabalhos de Conclusão de Curso Capítulo I Das disposições

Leia mais

REGULAMENTO PARA ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE ENFERMAGEM

REGULAMENTO PARA ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE ENFERMAGEM ENFERMAGEM REGULAMENTO PARA ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE ENFERMAGEM CAPÍTULO I DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES E SUAS FINALIDADES Art. 1º. As atividades complementares, no âmbito do Curso de Enfermagem,

Leia mais

FACULDADE ASSIS GURGACZ FAG

FACULDADE ASSIS GURGACZ FAG 1 FACULDADE ASSIS GURGACZ FAG Av. das Torres, 500 Fone: (45) 3321-3900 Fax: (45) 3321 3902 Manual de Estágio Curricular Obrigatório Curso de Farmácia Cascavel 2013 2 FACULDADE ASSIS GURGACZ FAG Av. das

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO ESCOLA DE FARMÁCIA E ODONTOLOGIA DE ALFENAS CENTRO UNIVERSITÁRIO FEDERAL

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO ESCOLA DE FARMÁCIA E ODONTOLOGIA DE ALFENAS CENTRO UNIVERSITÁRIO FEDERAL REGULAMENTAÇÃO DO ESTÁGIO DE INTERESSE CURRICULAR DO CURSO DE QUÍMICA DA Efoa/Ceufe Resolução Nº 007/2005 pelo Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEPE) O presente regulamento foi elaborado tendo

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTRO DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES UNIDADE ACADÊMICA DE EDUCAÇÃO COLEGIADO DO CURSO DE PEDAGOGIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTRO DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES UNIDADE ACADÊMICA DE EDUCAÇÃO COLEGIADO DO CURSO DE PEDAGOGIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTRO DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES UNIDADE ACADÊMICA DE EDUCAÇÃO COLEGIADO DO CURSO DE PEDAGOGIA RESOLUÇÃO Nº 03/2011 Fixa normas para o Estágio Supervisionado em

Leia mais

EXPLICAÇÕES SOBRE A ELABORAÇÃO DO RELATÓRIO FINAL DE ESTÁGIO

EXPLICAÇÕES SOBRE A ELABORAÇÃO DO RELATÓRIO FINAL DE ESTÁGIO EXPLICAÇÕES SOBRE A ELABORAÇÃO DO RELATÓRIO FINAL DE ESTÁGIO Elementos Textuais: INTRODUÇÃO: Introduzir significa apresentar. Descrever o trabalho baseando-se nas seguintes colocações: o quê fez, por que

Leia mais

Manual de Orientação de Atividades Complementares

Manual de Orientação de Atividades Complementares Manual de Orientação de Atividades Complementares Lei nº 9.131/95 Pareceres 776/07 de 03/12/97 e 583/2001 São Paulo 2015.2 1 1. ATIVIDADES COMPLEMENTARES De acordo com a Lei 9.131 de 1995 e os Pareceres

Leia mais

Regulamento Interno. de Estágios

Regulamento Interno. de Estágios Regulamento Interno de Estágios Índice Apresentação... 3 Capítulo 1 Caracterização e objetivo do estágio... 3 Capítulo 2 - Oferta de vagas de estágio... 4 Capítulo 3 - Duração do estágio... 5 Capítulo

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO DO CURSO DE LICENCIATURA EM FÍSICA

REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO DO CURSO DE LICENCIATURA EM FÍSICA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR INSTITUTO FEDERAL DO PARANÁ CÂMPUS TELÊMACO BORBA REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO DO CURSO DE LICENCIATURA EM FÍSICA Telêmaco Borba,

Leia mais

REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO. por. Fábio Zschornack Clarissa Tarragô Candotti CONCEPÇÃO E COMPOSIÇÃO DO ESTÁGIO CURRICULAR

REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO. por. Fábio Zschornack Clarissa Tarragô Candotti CONCEPÇÃO E COMPOSIÇÃO DO ESTÁGIO CURRICULAR REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS por Fábio Zschornack Clarissa Tarragô Candotti CONCEPÇÃO E COMPOSIÇÃO DO ESTÁGIO CURRICULAR Conforme

Leia mais

ANEXO 2 DOCUMENTOS DE ESTÁGIO

ANEXO 2 DOCUMENTOS DE ESTÁGIO ANEXO 2 DOCUMENTOS DE ESTÁGIO DOC 1 - CARTA DE APRESENTAÇÃO DOC 2 - PLANO BÁSICO PARA O ESTÁGIO DE DOCÊNCIA DOC 3 - DECLARAÇÃO DE ACEITAÇÃO DO ESTAGIÁRIO DOC 4 - TERMO DE COMPROMISSO DE ESTÁGIO DOC 5 -

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE FORMIGA Credenciamento: Decreto Publicado em 05/08/2004 Recredenciamento: Decreto Publicado em 15/12/2006

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE FORMIGA Credenciamento: Decreto Publicado em 05/08/2004 Recredenciamento: Decreto Publicado em 15/12/2006 REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA LICENCIATURA (Ato de Aprovação: Resolução do Reitor Nº 53/2010 de 30/04/2010) Art. 1º O Estágio Supervisionado é uma parte do currículo

Leia mais

CONSELHO SUPERIOR DO ISEI RESOLUÇÃO Nº 01/ 2007, DE 29 DE JUNHO DE 2007

CONSELHO SUPERIOR DO ISEI RESOLUÇÃO Nº 01/ 2007, DE 29 DE JUNHO DE 2007 CONSELHO SUPERIOR DO ISEI RESOLUÇÃO Nº 01/ 2007, DE 29 DE JUNHO DE 2007 Aprova o regulamento dos Estágios Supervisionados dos cursos de Graduação - Licenciaturas do ISEI. O Presidente do Conselho Superior

Leia mais

REGULAMENTO GERAL ESTÁGIO SUPERVISIONADO LICENCIATURA

REGULAMENTO GERAL ESTÁGIO SUPERVISIONADO LICENCIATURA REGULAMENTO GERAL ESTÁGIO SUPERVISIONADO LICENCIATURA APRESENTAÇÃO 1. CARGA HORÁRIA DE ESTÁGIO 2. A COORDENAÇÃO DE ESTÁGIOS 2.1. SUPERVISÃO GERAL DE ESTÁGIOS 2.2. COORDENADORES DE CURSO 2.3. PROFESSORES

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE DIREITO

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE DIREITO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE DIREITO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES NO CURSO DE DIREITO As Atividades complementares serão desenvolvidas especialmente a partir da extensão universitária.

Leia mais

Resolução nº. 4 de 13 de julho de 2005, da Câmara de Educação Superior do CNE publicada no Diário Oficial de 19 de julho de 2005, artigo 7º:

Resolução nº. 4 de 13 de julho de 2005, da Câmara de Educação Superior do CNE publicada no Diário Oficial de 19 de julho de 2005, artigo 7º: ESTÁGIO SUPERVISIONADO I E II 1 - Resolução: Resolução nº. 4 de 13 de julho de 2005, da Câmara de Educação Superior do CNE publicada no Diário Oficial de 19 de julho de 2005, artigo 7º: O Estágio Curricular

Leia mais

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SAÚDE DA FAMÍLIA

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SAÚDE DA FAMÍLIA Universidade Estácio de Sá PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SAÚDE DA FAMÍLIA E d i t a l d o E x a m e d e S e l e ç ã o 2 0 1 5 / 2 A Coordenação do Programa de Pós-Graduação em Saúde da Família, de acordo

Leia mais

REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DO BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA I INTRODUÇÃO

REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DO BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA I INTRODUÇÃO REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DO BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA I INTRODUÇÃO O Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) é relevante para a formação profissional do discente, tem a função

Leia mais

Atividades Complementares dos Cursos da Faculdade de Engenharias, Arquitetura e Urbanismo - UNIVAP

Atividades Complementares dos Cursos da Faculdade de Engenharias, Arquitetura e Urbanismo - UNIVAP Atividades Complementares dos Cursos da Faculdade de Engenharias, Arquitetura e Urbanismo - UNIVAP Exigência das Atividades Complementares As Atividades Complementares para os cursos de graduação e graduação

Leia mais

PEDAGOGIA 5º PERÍODO UNITINS/FAEL

PEDAGOGIA 5º PERÍODO UNITINS/FAEL PEDAGOGIA 5º PERÍODO UNITINS/FAEL ORIENTAÇÕES PARA O ESTÁGIO SUPERVISIONADO IV REGÊNCIA NA EDUCAÇÃO INFANTIL Coordenação de Curso: Willany Palhares Leal Professores Fabíola Peixoto de Araújo José Carlos

Leia mais

ROTEIRO DE ORGANIZAÇÃO DO CADERNO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO II EDUCAÇÃO ESPECIAL

ROTEIRO DE ORGANIZAÇÃO DO CADERNO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO II EDUCAÇÃO ESPECIAL 0 ROTEIRO DE ORGANIZAÇÃO DO CADERNO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO II EDUCAÇÃO ESPECIAL Pedagogia LICENCIATURA Versão Novembro 2016 E N V E L O P E 1 Folha de identificação; Folha carga horária e avaliação

Leia mais

MANUAL DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM PUBLICIDADE E PROPAGANDA

MANUAL DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM PUBLICIDADE E PROPAGANDA UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ INSTITUTO DE CULTURA E ARTE CURSO DE PUBLICIDADE E PROPAGANDA MANUAL DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM PUBLICIDADE E PROPAGANDA O Manual ora apresentado visa orientar os alunos

Leia mais

FACULDADE CAMPO REAL CURSO DE NUTRIÇÃO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO

FACULDADE CAMPO REAL CURSO DE NUTRIÇÃO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO FACULDADE CAMPO REAL CURSO DE NUTRIÇÃO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO Caracterização A elaboração do Trabalho de Curso fundamenta-se nas Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Graduação em Nutrição,

Leia mais

FICHA DE AVALIAÇÃO PARA DIREÇÕES DE CLASSES

FICHA DE AVALIAÇÃO PARA DIREÇÕES DE CLASSES 1 FICHA DE AVALIAÇÃO PARA DIREÇÕES DE CLASSES Estagiário (a): Série: Série / Estágio: Critérios Valor 1ª ativ 2ª ativ 3ª ativ 4ª ativ 5ª ativ Discriminação 1- PLANEJAMENTO - apresentação 0,5 - uso 0,5

Leia mais

COORDENAÇÃO DE ESTÁGIO

COORDENAÇÃO DE ESTÁGIO COORDENAÇÃO DE ESTÁGIO CADERNO DE CONTROLE E REGISTRO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO CURSO: PEDAGOGIA LICENCIATURA: HABILITAÇÃO EM PEDAGOGIA Aluno(a): Prof. Supervisor de Estágio: Início: / / Término:

Leia mais

REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO ESU DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO

REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO ESU DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO ESU DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO TÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º - O presente Regulamento tem por finalidade normatizar as atividades relacionadas ao Estágio

Leia mais

GUIA DO ESTAGIÁRIO CURSO SUPERIOR

GUIA DO ESTAGIÁRIO CURSO SUPERIOR GUIA DO ESTAGIÁRIO CURSO SUPERIOR FACULDADE DE TECNOLOGIA DE SÃO VICENTE CURSO SUPERIOR EM BACHAREL EM SITEMAS DE INFORMAÇÃO 1 Faculdade de Tecnologia de São Vicente Av. Presidente Wilson, 1013 Centro

Leia mais

MODELO. (Fonte arial ou times new Roman o tamanho da fonte estará entre parênteses) Nome do Aluno (14) N. RA: (14) CURSO DE ADMINISTRAÇÃO (16)

MODELO. (Fonte arial ou times new Roman o tamanho da fonte estará entre parênteses) Nome do Aluno (14) N. RA: (14) CURSO DE ADMINISTRAÇÃO (16) MODELO (Fonte arial ou times new Roman o tamanho da fonte estará entre parênteses) Nome do Aluno (14) N. RA: (14) CURSO DE ADMINISTRAÇÃO (16) RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO (16) SÃO PAULO (12) 2014

Leia mais

Pedagogia LICENCIATURA

Pedagogia LICENCIATURA Portaria de Reconhecimento nº. 286 de 21 de dezembro de 2012 ROTEIRO DE ORGANIZAÇÃO DO CADERNO DE ESTÁGIO I ENSINO FUNDAMENTAL Pedagogia LICENCIATURA Portaria de Reconhecimento nº. 286 de 21 de dezembro

Leia mais

REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM PUBLICIDADE E PROPAGANDA

REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM PUBLICIDADE E PROPAGANDA REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM PUBLICIDADE E PROPAGANDA CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º O presente regulamento normatiza as atividades do Estágio Supervisionado em Publicidade e Propaganda

Leia mais