PROCEDIMENTOS DO FINANCEIRO PARA VENDA LOJAS

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PROCEDIMENTOS DO FINANCEIRO PARA VENDA LOJAS"

Transcrição

1 PROCEDIMENTOS DO FINANCEIRO PARA VENDA LOJAS FORMAS DE PAGAMENTOS Nossa loja aceita as seguintes formas de pagamento: - Dinheiro; - Moeda estrangeira ( dólar e euro ) - Cheque à vista; - Cheque pré-datado; - Cartões de crédito. - Cheque eletrônico - redeshop As formas de pagamentos aceitas pela k2 Com.Confecções Ltda. devem ser respeitadas rigorosamente pela Gerente e sua equipe. Nem a equipe, nem a Gerente têm autonomia para modificá-las, A não observância destas normas sujeitará à Carta de Advertência e até demissão. Para qualquer forma de pagamento aceita fora das normas, deverá haver uma autorização prévia da Diretoria Administrativa ou da Gerencia Financeira em conjunto com a Supervisão. DINHEIRO Ao receber dinheiro: - Confira o valor recebido; - IMPORTANTE: SEMPRE Verifique a autencidade das cédulas, através do equipamento magic teste em poder da loja; - Verifique se há troco a ser devolvido; - Confira o troco, quando houver; - Entregue o troco ao cliente. - Troco dado deve ser anotado no romaneio de vendas.

2 MOEDA ESTRANGEIRA Ao receber moeda estrangeira: a) Confira o valor recebido; b) IMPORTANTE: SEMPRE Verifique a autencidade das cédulas, através do equipamento magic teste em poder da loja; c) Caso haja troco, confira-o e entregue-o ao cliente, em Reais. d) Atenção: Não é permitido que funcionários troquem moedas estrangeiras recebidas por Reais, o que é passível de punição com Carta de Advertência. Importante: Compras feitas em moeda estrangeira devem ser cobradas pelo preço à vista. A cotação da moeda estrangeira deve ser consultada na internet no site : /, no momento da venda. O valor a ser considerado é o valor do Dólar Paralelo, na coluna de Compra ou seja o valor menor. Veja a tela da consulta no DCI. no exemplo. Vc. utilizaria r$ 2,45 para a conversão. Dólar (22/09 11:42) Dólar Comercial Compra (R$) Venda (R$) 2,2750 2,2770 Dólar Paralelo 2,4500 2,5500 Dólar Turismo 2,2400 2,3800 Ao finalizar o caixa, enviar a cotação utilizada para o cálculo da compra junto com o fechamento de caixa.

3 Não aceitamos travellers check. Veja o exemplo abaixo para a venda com dólar no dia 22/09/2005. OBS: Treine muito esse tipo de cálculo. Ex: O cliente fez uma compra de R$ 550,00 e pagou com US$ 250,00 Tx dólar R$ 2,45 ( veja tabela do dólar acima ) 1 Cliente tem US$ 250,00 calcular :US$ 250 x 2,45 = R$ 612,50 Dar troco : 550,00 612,50 = R$ 62,50 2 Cliente tem US$ 190 Calcular: US$ 190 x 2,45 = R$ 465,50 cobrar a diferença do cliente : R$550 R$465,50 = R$ 84,50 CHEQUES A k2 aceitamos os seguintes tipos de cheques: - cheque à vista, - cheque pré-datado, - cheque especial ou não-especial, - cheque de fora da praça (desde que com a apresentação do cartão do banco, documentação e com uma checagem mais minuciosa.), - Nas vendas parceladas em cheques deverá ser exigido o pagamento da primeira parcela a vista, com o cartão de débito da conta a que se refere o cheque pois isso dá-nos segurança de que a conta pertence ao titular e os cheques devem ser da mesma conta corrente. As parcelas devem ter valores iguais. - Atenção: cheque de pessoa jurídica (somente se o cliente for o proprietário e apresentar a cópia do contrato social da empresa para comprovar que ele é sócio e que assina pela empresa). A k2 não aceita: - Cheque diferente do valor da compra, a título de dar troco para o cliente; as parcelas têm que ser iguais; Isso é proibido.

4 - Cheque provisório de clientes não conhecidos e cuja conta tenha menos de 1 ano; - Cheques pré com cadastro novo e conta nova (menos de 1 ano). Atenção: Para cheques pré-datados, o cheque deverá ser preenchido com a data da venda e colocar a data do vencimento na extremidade direita inferior do cheque ( rodapé, logo abaixo da assinatura e identificação do correntista). Assegurar-se de receber a primeira parcela no cartão de débito do cliente. Exigir sempre o RG do cliente. Procedimentos LEMBRAMOS QUE SÃO ITENS IMPORTANTES E INDISPENSÁVEIS: Todo e qualquer cliente que comprar em nossas lojas, quer seja em dinheiro, cheques, cheque eletrônico, dólar, euro ou cartões de crédito, tais documentos e moedas DEVERÃO SEMPRE SER PASSADOS NO EQUIPAMENTO PRÓPRIO EM PODER DAS LOJAS, PARA IDENTIFICAR SE SÃO VERDADEIROS OU FALSOS. FAZER TB VERIFICAÇÃO JUNTO AO SERASA PARA PAGAMENTOS COM CHEQUES A VISTA OU VENDAS A PRAZO. NÃO DISPENSAR NUNCA ESTE PROCEDIMENTO, MESMO PARA CLIENTES QUE JÁ COMPRARAM E RETORNAREM. Não obstante termos fornecido o equipamento para todas as lojas e termos treinado seu uso, observamos que algumas lojas NÃO SEGUEM RIGOROSAMENTE OS PROCEDIMENTOS. Conforme instruções em poder das lojas, os pagamentos em cheques efetuados através de cheques, inclusive os do BANCO DO BRASIL, a entrada, IMPRETERIVELMENTE deverá ser feita com o cartão de débito do Banco. Isto porque muitos talões foram roubados do Banco do Brasil e somente o titular da conta terá o cartão e a senha pessoal da conta corrente. OBS. Mesmo que a entrada seja feita com o cartão do banco (redeshop ou cheque eletrônico), os procedimentos de verificação devem ser seguidos. No caso de pagamentos com cheques não se esquecer do SERASA. APÓS A COMPRA DO EQUIPAMENTO IDENTIFICADOR, A NÃO OBSERVANCIA DESTES PRECEITOS BÁSICOS, LEVARÁ A

5 EMPRESA APLICAR AS PENALIDADES QUE TODOS TEM CONHECIMENTO, QUAIS SEJAM: a) ATENÇÃO: Todos sabem que em casos do recebimento de cheques falsificados, o que denota a não verificação no equipamento, ( já temos alguns casos destes e em breve os responsáveis serão notificados quanto ao ressarcimento) os valores serão descontado dos responsáveis pela loja. b) Em casos de cheques recebidos, onde todos os procedimentos tenham sido observados e que tenham sido devolvidos por serem sem fundos ou conta encerrada, após todas as tentativas de recebimentos a serem procedidas pela COBRANÇA da K2, Sr. Valter, para todos os casos incobráveis, a comissão será estornada a cada 2 meses. Para evitar qualquer dúvida, será anexado a cada estorno, para o Departamento Pessoal e poderá ser verificado pelo gerente e vendedor que tiver estorno de comissão, uma cópia do cheque incobrável. Detalhe. Caso ainda persista a duvida, o cheque original incobrável, objeto do estorno, estará em poder do Sr Valter, em arquivo e tb poderá ser visto, caso seja necessário a comprovação. c) Com o recebimento desta o Sr. Valter irá proceder ao levantamento solicitado e todos os envolvidos serão devidamente avisados das ocorrências. ESTES PROCEDIMENTOS SÃO DE RESPONSABILIDADE EXCLUSIVA DO DEP. FINANCEIRO E AS NORMAS AQUI RELACIONADAS, SÃO APENAS PARA RELEMBRÁ-LOS UMA VEZ QUE TODOS TÊM CONHECIMENTO DELAS. SÃO TAMBÉM DE CONHECIMENTO GERAL DA DIRETORIA, DEP. PESSOAL, SUPERVISÃO DAS LOJAS, GERENTES E FUNCIONÁRIOS. Qualquer dúvida com relação aos procedimentos e normas completas em poder de todas as lojas deverão ser dirigidas ao Sr Joao Henrique que entrara em entendimentos com o financeiro. Vejam o texto abaixo enviado pelo Sr. Valter em 10/12/2004. Fora as normas e procedimentos já existentes, estes alertas são para serem seguidos à risca. Ao receber cheques o funcionário que estiver efetuando o recebimento deverá cumprir todos os procedimentos independentemente da aparência do cliente. Dessa forma, estaremos evitando devolução de cheques e prejuízos para a Empresa e equipe.

6 Consideramos cheque à vista, todo cheque bom para depósito no próprio dia ou no dia seguinte à data da compra. Consideramos cheque pré-datado, todo cheque que não seja bom para depósito no dia seguinte à data da compra. Ao receber cheques, deve-se ainda adotar os seguintes procedimentos: - Consultar o cadastro do cliente e checar se o cliente está negativado. Em caso positivo, não deve ser efetuada a venda a não ser em dinheiro ou cartão de crédito. - No caso de clientes novos, solicitar todos os dados necessários para completar o cadastro;não vender em desacordo com essas normas. - Consultar o SCI sempre; - ATENÇÃO: clientes do Banco do Banco do Brasil e outros que forem comprar parcelado, exigir que a entrada seja paga com o cartão do banco ( redeshop ou ch eletrônico). Este cuidado, deve-se a um grande furto de talões de cheques e a máquina identificadora não pega por serem originais, embora roubados. Só vão ter o cartão do banco os verdadeiros clientes e donos da conta. Aplicar Tb o procedimento para os demais bancos. - Verificar atentamente a assinatura e a fotografia através da carteira de identidade e do cartão do Banco. Sempre verificar a autenticidade do documento na maquina para este fim em poder da loja. - Imprimir o cheque na impressora de cheques para as lojas que dispuserem deste equipamento; - Conferir o correto preenchimento do cheque (valor numérico, valor por extenso, data, e assinatura). Cheques com erros de preenchimento, não podem ser rasurados, para acertar, somente poderá constar no verso a correção com a assinatura do cliente; Verificar sempre se os números do cheque e conta corrente, agencia etc., constam no código de barras na parte inferior do cheque e são rigorosamente iguais. Isso evita receber cheques adulterados e/ou roubados. -

7 - Cruzar e nominar todos os cheques recebidos. - Solicitar e anotar no verso do cheque: telefone / nome do funcionário ou vendedor (a) que recebeu/ código da loja/código do cliente/ código da autorização da empresa de liberação de cheque (SCI); anotar também o endereço, se for a 1ª compra da cliente. Observação: - Não é permitido aceitar cheques previamente assinados, sem documento original do emitente, sem o cartão do banco, e sem ligar para a residência do mesmo para se certificar da veracidade das informações. - Para clientes já cadastrados e conhecidos, a Vendedora deverá consultar o sistema, a fim de obter os dados do cliente para anotá-los no verso do cheque, não sendo necessário importunalo, a cada compra, mas deverá sempre constar no verso o descrito acima. Todos os cheques deverão ter sempre o nome do vendedor (a) que recebeu. Caso haja alguma desconfiança, independente do valor do cheque a(o) Gerente deve ser solicitada(o) a participar da operação, e solicitar outros documentos do cliente tais como: cartão de crédito, etc... para estar seguro de seu recebimento, após a confirmação, a Gerente deve também vistar o cheque; Cheques de Vendas Altas para clientes novos ou Pessoas Suspeitas Caso o funcionário considere a venda arriscada, por algum motivo, ou exista algum problema com o cliente, a Gerente deverá entrar em contato com o Banco (em horário comercial) ou mandar entregar/ despachar a mercadoria, após a compensação deste cheque. Importante: 1. É proibida a troca de cheques no caixa da loja por funcionários, sujeito a Advertência.

8 2. Os valores que constam no cheque devem ser ABSOLUTAMENTE iguais aos que constam no sistema. Na hora da venda, deve-se, em caso de preenchimento de cheque manual, consertar os valores no sistema conforme instruções do Manual do Sistema. CHEQUES DEVOLVIDOS Esperamos que os funcionários cumpram sempre todos os procedimentos para recebimento de cheques. De nossa parte, saberemos reconhecer quando o funcionário fez tudo o que devia e quando deixou de fazer algo que devia ser feito. Cheques devolvidos dentro das normas Quando todos os procedimentos tiverem sido seguidos e ocorrer à devolução do cheque a Empresa assumirá o prejuízo, porém será sempre estornada o valor da comissão paga ao funcionário por ocasião da venda. Cheques devolvidos fora das normas Quando algum procedimento descrito não tiver sido cumprido, o funcionário que efetuou o recebimento será responsável pelo valor integral da venda e deverá ressarcir a empresa. Nestes casos o valor a ser descontado do funcionário será o correspondente ao cheque devolvido, ou seja, 100% do valor do mesmo. Cabe à Diretoria definir como será feito este desconto. Procedimentos Todo cheque devolvido será encaminhado ao departamento de cobranças que deverá entrar em contato com o cliente e tentar resolver a pendência. Após algumas tentativas, o departamento de cobrança deverá:

9 - enviar carta de cobrança ao cliente, Não obtendo resposta, após 10 dias, o cheque será encaminhado a uma empresa de cobrança jurídica. Após as lojas tomarem ciência de que o cheque está nesta situação, a gerência das lojas e os caixas, não mais poderão receber o cheque, em nenhuma hipótese. - Sempre que um Cliente procurar a loja onde efetuou a compra, para liquidar o débito, Somente será possível antes de ser enviado para o jurídico, após este procedimento, a loja não deverá receber. - Para todos os pagamentos que forem efetuados com atraso, NÃO DEVERÃO SER DISPENSADOS OS JUROS. Os juros serão calculados a razão de 5 % a.m. Para fazer o cálculo, basta multiplicar o valor devido, por 0,16667% (juros ao dia) e o resultado multiplicar pelo número de dias em atraso, somando ao valor da dívida. Exemplo: Cheque no valor de R$ 750,00 bom para 01/02/2003 vai ser pago no dia 28/02/2003, portanto com 27 dias de atraso. 750,00x0,16667% = 1,25 1,25 x 28 (quantidade de dias em atraso) = R$ 35,00 (= valor dos juros a serem cobrados) ,00 = R$ 785,00 (valor total a ser cobrado) Importante: - É de responsabilidade da Gerente, ao conferir o caixa, checar os cheques recebidos e comunicar, via C.I., qualquer irregularidade nos mesmos. Caso não seja feita a Empresa se reserva o direito de DIVIDIR a responsabilidade do prejuízo entre a Gerente e o funcionário que efetuou o recebimento. CLIENTES NEGATIVADOS Na hipótese de ocorrer qualquer venda, a cliente com débito em aberto, a responsabilidade será total da gerente, do caixa e, ou da vendedora, que efetuar a venda e, deverá ressarcir a Empresa pelo prejuízo causado.

10 CARTÕES DE CRÉDITO A k2 aceita cartões de crédito. Informe-se com a Gerência quais os cartões que são aceitos, como forma de pagamento. Mecanismo ON LINE - Manter a linha telefônica disponível; - Emitir a boleta do cartão de crédito no terminal específico, conforme o manual do sistema; - Solicitar a assinatura do cliente; - Conferir a assinatura do cliente com o RG e o Cartão de Crédito; - Colocar o telefone do cliente em uma das vias; - Entregar a via do cliente. Cartões com máquinas manuais - Utilizados apenas quando o sistema estiver fora do ar; - Verifique a validade do cartão: mês e ano. Caso esteja vencido, sugira ao cliente outra forma de pagamento; - Ligue para a central do cartão para solicitar o código de autorização; - Passe a boleta do cartão na máquina e preencha-a a caneta. Verifique a impressão da última via se está legível e anote o telefone do cliente (na frente do cartão), depois retire o carbono e entregue-o ao cliente;

11 - Confira a assinatura com a assinatura do cartão de crédito e o RG. Atenção: Deverá ser sempre solicitado à central dos cartões de crédito o n.º de autorização para venda, independente do valor da operação. O número de autorização deverá constar no campo indicado no comprovante do cartão. Observações Importantes: É proibido pré-datar cartões de máquinas manuais; Caso seja devolvido algum cartão de crédito, por falta de cumprimento das normas e não seja possível recuperá-lo. A responsabilidade caberá ao funcionário que efetuou o recebimento. A autorização é dada para parcela única ou mais de 1 parcela sem juros ou com juros. Caso a autorização seja feita em outra condição este cartão será devolvido pela administradora de cartão, o que acarretará incomodo a cliente (que deverá ser contada para nova autorização) e demora no recebimento pela empresa. Tais procedimentos estarão sujeitos a carta de advertência e passível de cobrança dos custos extras do cartão/ juros. Nestes casos, o valor a ser descontado do funcionário, será o correspondente ao cartão devolvido, ou seja, 100% do valor do mesmo. Cabe à Diretoria, definir como será efetuado esse desconto. Qualquer duvida, entrar em contato: Caixa de loja: Sonia, Cláudio ou Jair fones ramais 4254 e 4184 respectivamente. Cobrança Valter ou Diego ramais 4193 e 4241 respectivamente. Jair Ciente Gerente...

DICAS PARA EMPRESÁRIOS - LOJISTAS / CREDIARISTAS ÍNDICE

DICAS PARA EMPRESÁRIOS - LOJISTAS / CREDIARISTAS ÍNDICE ÍNDICE CONTEÚDO PÁGINA INTRODUÇÕES GERAIS 2 1 MOTIVOS PARA DEVOLUÇÃO DE CHEQUES 3 2 O QUE FAZER COM CHEQUES DEVOLVIDOS 5 3 DIZERES SUGERIDOS PARA CARIMBO AO VERSO DO CHEQUE 7 4 SUGESTÕES MODELOS 8 5 COMO

Leia mais

INFORMAÇÕES SOBRE O USO DE CHEQUES

INFORMAÇÕES SOBRE O USO DE CHEQUES INFORMAÇÕES SOBRE O USO DE CHEQUES O cheque é uma ordem de pagamento à vista. Pode ser recebido diretamente na agência em que o emitente mantém conta ou depositado em outra agência, para ser compensado

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO PARA FUNCIONÁRIOS

REGULAMENTO INTERNO PARA FUNCIONÁRIOS REGULAMENTO INTERNO PARA FUNCIONÁRIOS O presente regulamento interno prescreve normas e procedimentos que devem ser rigorosamente respeitadas pelos funcionários que aceitarem trabalhar para a empresa,

Leia mais

Tudo o que você precisa saber sobre o cheque para não correr riscos.

Tudo o que você precisa saber sobre o cheque para não correr riscos. Tudo o que você precisa saber sobre o cheque para não correr riscos. Com cautela e informação o cheque é muito seguro. A importância do cheque no comércio é inquestionável. Por isso é fundamental tomar

Leia mais

Sumário 1 - Recebendo cheques com segurança 2 - Algumas modalidades de falsificação 3 - Cuidado com fraudes 4 - Informações gerais 5 - Principais

Sumário 1 - Recebendo cheques com segurança 2 - Algumas modalidades de falsificação 3 - Cuidado com fraudes 4 - Informações gerais 5 - Principais Cartilha Cheque Sumário 1 - Recebendo cheques com segurança 2 - Algumas modalidades de falsificação 3 - Cuidado com fraudes 4 - Informações gerais 5 - Principais motivos de devolução de cheques Caro leitor,

Leia mais

Sumário. Recebendo cheques com segurança. Algumas modalidades de falsificação. Cuidado com fraudes. Informações gerais

Sumário. Recebendo cheques com segurança. Algumas modalidades de falsificação. Cuidado com fraudes. Informações gerais CARTILHA CHEQUE Sumário Recebendo cheques com segurança Algumas modalidades de falsificação Cuidado com fraudes Informações gerais Principais motivos de devolução de cheques Caro leitor, Importante ressaltar

Leia mais

Cheques Cheque. Saiba co o lida co e e.

Cheques Cheque. Saiba co o lida co e e. Cheques Cheque. Saiba como lida r co m ele. Cheque. Saiba como lidar com ele. Depois do dinheiro, o cheque é o meio de pagamento mais utilizado pelas pessoas na hora de fazer negócios. É quase impossível

Leia mais

MANUAL MANUTENÇÃO ON LINE

MANUAL MANUTENÇÃO ON LINE MANUAL DE MANUTENÇÃO ON LINE R: Santa Cruz, 647 CENTRO Limeira/SP - CEP 13.480-041 - Fone (19) 3404-4949 - e-mail: scpclimeira@acil.org.br 1 ÍNDICE Inclusão de Pessoa Física... 5 Inclusão de Cheque: Pessoa

Leia mais

4 MÓDULO 4 DOCUMENTOS COMERCIAIS

4 MÓDULO 4 DOCUMENTOS COMERCIAIS 44 4 MÓDULO 4 DOCUMENTOS COMERCIAIS 4.1 Cheque O cheque é uma ordem de pagamento à vista. Pode ser recebido diretamente na agência em que o emitente mantém conta ou depositado em outra agência, para ser

Leia mais

INADIMPLÊNCIA: E AGORA?

INADIMPLÊNCIA: E AGORA? INADIMPLÊNCIA: INADIMLÊNCIA E AGORA? Inadimplência: E agora? Quantas vezes você já se fez essa pergunta? Já conseguiu resolver este problema? Nesta cartilha iremos orientar, com base na legislação e no

Leia mais

APOSTILA CRÉDITO PESSOAL

APOSTILA CRÉDITO PESSOAL 1 APOSTILA CRÉDITO PESSOAL Versão abril de 2012 2 SUMÁRIO 1 INFORMAÇÕES GERAIS... 3 2 CONTATOS... 3 3 LOSANGO... 4 3.1 INFORMAÇÕES GERAIS... 4 3.2 CARNÊ (TOP 05)... 4 3.2.1 Cliente novo e zero liquidado...

Leia mais

TARIFAS BANCÁRIAS. Para abrir uma conta, os bancos exigem um depósito inicial, que varia conforme a instituição.

TARIFAS BANCÁRIAS. Para abrir uma conta, os bancos exigem um depósito inicial, que varia conforme a instituição. TARIFAS BANCÁRIAS A utilização de bancos é praticamente indispensável aos cidadãos. Contas e impostos, salários e seguros-desemprego são exemplos de transferência de dinheiro normalmente intermediada por

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DO CARTÃO PRÉ- PAGO HABBO CARTÃO AMIGO

TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DO CARTÃO PRÉ- PAGO HABBO CARTÃO AMIGO TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DO CARTÃO PRÉ- PAGO HABBO CARTÃO AMIGO O presente instrumento denominado Termos e Condições Gerais de Uso do Cartão Pré- Pago Habbo Cartão Amigo ( Termo ) aplica- se de

Leia mais

Cartilha do ORÇAMENTO DOMÉSTICO. seja um

Cartilha do ORÇAMENTO DOMÉSTICO. seja um Cartilha do ORÇAMENTO DOMÉSTICO seja um A Boa Vista Serviços é uma empresa genuinamente brasileira, atualizada e inovadora, constituída para a operação do SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito).

Leia mais

treinamento REMATRÍCULA

treinamento REMATRÍCULA treinamento REMATRÍCULA SISTEMA SGE (SMART) Financeiro - FTC EAD PRÉ-REQUISITOS Computador conectado a INTERNET Acesso ao SGE (Smart) login e senha ativos. IMPRESSORA, cartucho, papel, envelope, cola,

Leia mais

CUIDADOS NECESSÁRIOS NA HORA DE RECEBER UM CHEQUE

CUIDADOS NECESSÁRIOS NA HORA DE RECEBER UM CHEQUE CUIDADOS NECESSÁRIOS NA HORA DE RECEBER UM CHEQUE > ÍNDICE INTRODUÇÃO > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > 1. EVOLUÇÃO

Leia mais

Treinamento de. Linx Pos

Treinamento de. Linx Pos Treinamento de caixa Linx Pos Será instalados no terminal da loja, o ícone, conforme imagem abaixo: Linx POS ÍNDICE Abertura de caixa e leitura X Lançamentos Cancelamento de itens Consulta preços no ato

Leia mais

Instruções para configuração e utilização do. fiscal (ECF)

Instruções para configuração e utilização do. fiscal (ECF) 1 Instruções para configuração e utilização do módulo Vendas balcão SEM Impressora de cupom fiscal (ECF) 2 ÍNDICE 1. Cadastro da empresa...3 2. Configurações dos Parâmetros......3 3. Cadastro de cliente...4

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DO CARTÃO PRÉ-PAGO AVISTA MASTERCARD PAG

TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DO CARTÃO PRÉ-PAGO AVISTA MASTERCARD PAG TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DO CARTÃO PRÉ-PAGO AVISTA MASTERCARD PAG O presente instrumento denominado Termos e Condições Gerais de Uso do Cartão Pré-Pago Avista MasterCard PAG ( Termo ) aplica-se

Leia mais

NewOxxy. 1 passo Abrir o caixa. Esse é o sistema de uso exclusivo da nossa empresa. Cada loja terá seu usuário e sua senha. Selecionar o usuário

NewOxxy. 1 passo Abrir o caixa. Esse é o sistema de uso exclusivo da nossa empresa. Cada loja terá seu usuário e sua senha. Selecionar o usuário NewOxxy Esse é o sistema de uso exclusivo da nossa empresa. Cada loja terá seu usuário e sua senha. selecionar a loja Selecionar o usuário Digitar a senha 1 passo Abrir o caixa Selecionar o menu caixa

Leia mais

Parabéns! Agora que a sua cota já está contemplada e você já recebeu sua CARTA DE CRÉDITO, você poderá concretizar o seu projeto.

Parabéns! Agora que a sua cota já está contemplada e você já recebeu sua CARTA DE CRÉDITO, você poderá concretizar o seu projeto. Orientações para aquisição de Bens Móveis Parabéns! Agora que a sua cota já está contemplada e você já recebeu sua CARTA DE CRÉDITO, você poderá concretizar o seu projeto. Lembrando que a análise do seu

Leia mais

Manual de Garantia de Cheque

Manual de Garantia de Cheque Este documento não deve ser reproduzido sem autorização da FCDL/SC Aprovação: Representante da Direção Ademir Ruschel Elaboração: Supervisor da Qualidade Sílvia Regina Pelicioli PASSO-A-PASSO PARA GARANTIR

Leia mais

Guia. Máquina Bin. Máquina Bin. de Operação. Guia de Operação

Guia. Máquina Bin. Máquina Bin. de Operação. Guia de Operação POS TEF Guia Guia de Operação de Operação Máquina Bin Máquina Bin Bem simples. Bem próximo. Bin é a solução de pagamentos eletrônicos no Brasil que nasceu com a experiência da First Data, líder global

Leia mais

1 - AQUISIÇÃO DO CARTÃO BB PESQUISA

1 - AQUISIÇÃO DO CARTÃO BB PESQUISA 1 - AQUISIÇÃO DO CARTÃO BB PESQUISA 1º PASSO: Recebimento do e-mail de aprovação do projeto. 2º PASSO: Preenchimento e assinatura do Termo de Aceitação de Apoio Financeiro e do Cadastro de Portador, que

Leia mais

TERMOS DE COMPRAS PARA O SITE SEU INGRESSO AGORA

TERMOS DE COMPRAS PARA O SITE SEU INGRESSO AGORA TERMOS DE COMPRAS PARA O SITE SEU INGRESSO AGORA Prezado usuário, por favor, leia com muita atenção este termo. Ele regula nossa relação comercial e deve ser consultado sempre que uma dúvida surgir sobre

Leia mais

Sumário INTRODUÇÃO... 3 O QUE É CNAB?... 3 QUAL O OBJETIVO DO CNAB?... 3 QUAIS BANCOS E CARTEIRAS O EMPRESÁRIO ERP NOS FORNECE?...

Sumário INTRODUÇÃO... 3 O QUE É CNAB?... 3 QUAL O OBJETIVO DO CNAB?... 3 QUAIS BANCOS E CARTEIRAS O EMPRESÁRIO ERP NOS FORNECE?... Sumário INTRODUÇÃO... 3 O QUE É CNAB?... 3 QUAL O OBJETIVO DO CNAB?... 3 QUAIS BANCOS E CARTEIRAS O EMPRESÁRIO ERP NOS FORNECE?... 4 COMO CONFIGURAR O CNAB... 5 CADASTRO DE BANCOS... 5 PARAMETROS DO CNAB...

Leia mais

TOTAL RESPONSABILIDADE DA AGÊNCIA VERIFICAR TODOS OS ITEMS DESTE DOCUMENTO.

TOTAL RESPONSABILIDADE DA AGÊNCIA VERIFICAR TODOS OS ITEMS DESTE DOCUMENTO. INFORMAÇÕES REFERENTES À RESERVA TOTAL RESPONSABILIDADE DA AGÊNCIA VERIFICAR TODOS OS ITEMS DESTE DOCUMENTO. ESTAS REGRAS E CONDIÇÕES ESTÃO SUJEITAS A ALTERAÇÃO SEM AVISO PRÉVIO A CRITÉRIO DA MSC CRUZEIROS

Leia mais

Módulo Faturamento. Sistema Gestor New. Instruções para cadastros e configurações do módulo Faturamento

Módulo Faturamento. Sistema Gestor New. Instruções para cadastros e configurações do módulo Faturamento Roteiro passo a passo Módulo Faturamento Sistema Gestor New Instruções para cadastros e configurações do módulo Faturamento Recomendado para quem esta iniciando a utilização do sistema Gestor New 1 INDICE

Leia mais

Recomendado para quem esta iniciando a utilização do sistema Gestor New

Recomendado para quem esta iniciando a utilização do sistema Gestor New Recomendado para quem esta iniciando a utilização do sistema Gestor New INDICE 1 1. CADASTRO DE USUÁRIOS...1 2. MODULO EMPRESA...4 2.1. Cadastro da Empresa...4 2.2. Parâmetros da Empresa...4 3. MÓDULO

Leia mais

Cobrança Itaú. Conheça como funciona o serviço de protesto de títulos.

Cobrança Itaú. Conheça como funciona o serviço de protesto de títulos. Cobrança Itaú Conheça como funciona o serviço de protesto de títulos. Para garantir uma gestão de Cobrança ainda mais eficiente, é preciso que você saiba como funciona o serviço de protesto de títulos

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.07 Movimentações... 4 Movimentações de Caixa... 4 Entradas... 6 Recebimento em Dinheiro... 8 Recebimento em Cheque... 8 Troco... 15 Saídas... 17 Movimentações de Banco... 22

Leia mais

Perguntas frequentes

Perguntas frequentes Perguntas frequentes 1. MEUS PEDIDOS Consigo rastrear o minha Compra? Sim. As informações mais atualizadas sobre sua Compra e a situação de entrega de sua Compra podem ser adquiridas a qualquer momento

Leia mais

Consulta de Cheques Redecard

Consulta de Cheques Redecard Com seu terminal Redecard, você consulta cheques, direto no banco de dados da Serasa Experian. A Redecard ajuda você a vender sempre de forma mais segura. Com o serviço Consulta de Cheques, em parceria

Leia mais

Quando o cliente contemplado de veículo for apresentar a documentação para análise.

Quando o cliente contemplado de veículo for apresentar a documentação para análise. Cadastro On Line de Veículo Índice 1. Análise de Clientes 2. Análise de Fiadores 3. Checar Digitalizações 4. Pendência 5. Contrato de Alienação Quando Utilizar Quando o cliente contemplado de veículo for

Leia mais

ANEXO V INSTRUÇÕES PARA EXECUÇÃO DOS SERVIÇOS

ANEXO V INSTRUÇÕES PARA EXECUÇÃO DOS SERVIÇOS ANEXO V INSTRUÇÕES PARA EXECUÇÃO DOS SERVIÇOS 1. Abertura do Caixa/Suprimento O Operador de Caixa deverá ligar o equipamento e efetuar o logon no Aplicativo de Caixa. Em seguida, deverá conferir a bomba

Leia mais

Seu maior bem é o seu nome. Cuide dele.

Seu maior bem é o seu nome. Cuide dele. Seu maior bem é o seu nome. Cuide dele. Saiba como limpar o nome. E mantê-lo limpo. Todos sabemos como é precioso o nosso nome e que dificuldades aparecem para todo mundo. Em muitos momentos da vida nos

Leia mais

1.2. Presenteador: pessoa física ou jurídica que adquire o FLOT TRAVEL CARD mediante a compra direta de carga de valor.

1.2. Presenteador: pessoa física ou jurídica que adquire o FLOT TRAVEL CARD mediante a compra direta de carga de valor. REGULAMENTO DO FLOT TRAVEL CARD FLOT OPERADORA TURÍSTICA LTDA., o Presenteador e o Presenteado do FLOT TRAVEL CARD, a primeira, na qualidade de prestadora de serviços de turismo, o segundo e o terceiro,

Leia mais

MANUAL BÁSICO DE NORMAR E ROTINAS DEPARTAMENTO FINANCEIRO. Contamos com o comprometimento e colaboração de todos.

MANUAL BÁSICO DE NORMAR E ROTINAS DEPARTAMENTO FINANCEIRO. Contamos com o comprometimento e colaboração de todos. MANUAL BÁSICO DE NORMAR E ROTINAS DEPARTAMENTO FINANCEIRO DISPOSIÇÕES INICIAIS O manual trás um resumo de algumas normas e rotinas que devem ser seguidas para o bom desempenho das tarefas necessárias para

Leia mais

d) participação em competições esportivas, incluídos gastos com treinamento;

d) participação em competições esportivas, incluídos gastos com treinamento; CAPÍTULO : 10 - Viagens Internacionais, Cartões de Uso Internacional e Transferências Postais SEÇÃO : 1 - Viagens Internacionais 1. Esta seção trata das compras e das vendas de moeda estrangeira, inclusive

Leia mais

GUIA DE USO. Sobre o Moip

GUIA DE USO. Sobre o Moip GUIA DE USO Sobre o Moip Sobre o Moip 2 Qual o prazo de recebimento no Moip? Clientes Elo 7 possuem prazo de recebimento de 2 dias corridos, contados a partir da data de autorização da transação. Este

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA TOUR OPERATOR SISTEM (TOS)

CONDIÇÕES GERAIS DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA TOUR OPERATOR SISTEM (TOS) CONDIÇÕES GERAIS DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA TOUR OPERATOR SISTEM (TOS) As presentes Condições Gerais de Utilização do Sistema Tour Operator Sistem da Schultz Operadora regulam as obrigações entre a proprietária

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA SERVELOJA

MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA SERVELOJA MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA SERVELOJA A Serveloja soluções empresariais é uma empresa de tecnologia, especialista em consultoria, serviços financeiros e softwares. Disponibilizamos diversas soluções de cobranças

Leia mais

MA-GCF-002 Versão: 01 Vigência: 2013 Página: 1 / 14

MA-GCF-002 Versão: 01 Vigência: 2013 Página: 1 / 14 MA-GCF-002 Versão: 01 Vigência: 2013 Página: 1 / 14 MA-GCF-002 Versão: 01 Vigência: 2013 Página: 2 / 14 ÍNDICE 1. Objetivo... 3 2. Direito de obtenção e utilização... 4 3. Sem direito ao benefício do passe

Leia mais

INDICE 1. CADASTRO DE CATEGORIAS...5 2. CADASTRO DE BANCO... 3. CONTAS A RECEBER... 3.1. LANÇAMENTO AUTOMÁTICO DE CONTAS A RECEBER...

INDICE 1. CADASTRO DE CATEGORIAS...5 2. CADASTRO DE BANCO... 3. CONTAS A RECEBER... 3.1. LANÇAMENTO AUTOMÁTICO DE CONTAS A RECEBER... 1 2 INDICE 1. CADASTRO DE CATEGORIAS...5 2. CADASTRO DE BANCO......6 3. CONTAS A RECEBER......6 3.1. LANÇAMENTO AUTOMÁTICO DE CONTAS A RECEBER...6 3.2. LANÇAMENTO MANUAL DE CONTAS A RECEBER...7 3.3. GERAÇÃO

Leia mais

Os itens adicionados nesta lista serão retirados do estoque até que você os devolva.

Os itens adicionados nesta lista serão retirados do estoque até que você os devolva. Funções do Rackine. Será abordado aqui de forma simples e abreviada, as principais funções de cada tela do Rackine. Focando apenas em descrever o que cada parte do software faz. Para informações relativas

Leia mais

Módulo Vendas Balcão. Roteiro passo a passo. Sistema Gestor New

Módulo Vendas Balcão. Roteiro passo a passo. Sistema Gestor New 1 Roteiro passo a passo Módulo Vendas Balcão Sistema Gestor New Instruções para configuração e utilização do módulo Vendas balcão com uso de Impressora fiscal (ECF) 2 ÍNDICE 1. Cadastro da empresa......3

Leia mais

Sumário Executivo do Contrato dos Cartões de Crédito Private Label Híbrido

Sumário Executivo do Contrato dos Cartões de Crédito Private Label Híbrido BANCO DO BRASIL S.A. Sumário Executivo do Contrato dos Cartões de Crédito Private Label Híbrido Conceito e Características do Cartão de Crédito O cartão de crédito Private Label Híbrido, de uso doméstico

Leia mais

Servidores pensionistas do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado de Minas Gerais - IPSEMG

Servidores pensionistas do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado de Minas Gerais - IPSEMG PUBLICO ALVO Servidores pensionistas do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado de Minas Gerais - IPSEMG Para os casos de analfabetos e deficientes visuais, devemos seguir a regra abaixo: Até

Leia mais

ROTEIRO OPERACIONAL - PORTOCRED EMPRÉSTIMO PESSOAL COM GARANTIA DE CHEQUE I - Site Portocred

ROTEIRO OPERACIONAL - PORTOCRED EMPRÉSTIMO PESSOAL COM GARANTIA DE CHEQUE I - Site Portocred I - Site Portocred Para acessar o site Portocred, devemos entrar no link: extranet.portocred.com.br/cp e após clicar na opção Crédito Pessoal Perto Check. *Lançar o usuário e a senha que serão informadas

Leia mais

Qualidade de Crédito

Qualidade de Crédito Qualidade de Crédito 03 Análise de documentos Como conhecer o futuro cliente Preencher proposta fora da loja é seguro? Trabalhando com a Proposta Online 08 16 25 26 Prevenção de fraudes no momento da venda

Leia mais

PERGUNTAS MAIS FREQUENTES 1. MEUS PEDIDOS

PERGUNTAS MAIS FREQUENTES 1. MEUS PEDIDOS PERGUNTAS MAIS FREQUENTES 1. MEUS PEDIDOS Consigo rastrear o minha Compra? Sim. As informações mais atualizadas sobre sua Compra e a situação de entrega de sua Compra estão disponíveis em Meus pedidos.

Leia mais

TERMO DE USO TERMOS DE USO DO CLIENTE

TERMO DE USO TERMOS DE USO DO CLIENTE TERMO DE USO TERMOS DE USO DO CLIENTE A) APLICABILIDADE 1. Os presentes termos de uso são aplicáveis aos Usuários da INTERNET POOL COMÉRCIO ELETRONICO LTDA, inscrita no CNPJ/MF sob o nº 09.491.113/0001-01,

Leia mais

REGULAMENTO CARTÃO FIDELIDADE - POSTO CHAPARRAL

REGULAMENTO CARTÃO FIDELIDADE - POSTO CHAPARRAL REGULAMENTO CARTÃO FIDELIDADE - POSTO CHAPARRAL COMO PARTICIPAR Para participar basta preencher uma ficha de inscrição, disponível no POSTO CHAPARRAL ou fazendo seu cadastro via internet pelo site www.postochaparral.com.br.

Leia mais

Perguntas mais frequentes

Perguntas mais frequentes Perguntas mais frequentes CARACTERÍSTICAS DO PRODUTO Quais as vantagens do Multi Moeda Cash Passport em relação a Cheques de Viagem e ao Cartão de Crédito? Os cartões de crédito aplicam a Variação Cambial,

Leia mais

Passo a passo Aditamento a contrato de financiamento/empréstimo pessoal cessão de direitos e obrigações.

Passo a passo Aditamento a contrato de financiamento/empréstimo pessoal cessão de direitos e obrigações. Passo a passo Aditamento a contrato de financiamento/empréstimo pessoal cessão de direitos e obrigações. Para dar início ao processo de transferência do contrato primeiramente é necessário preencher a

Leia mais

Microsoft Word com Auxiliar Administrativo Aula 15

Microsoft Word com Auxiliar Administrativo Aula 15 Microsoft Word com Auxiliar Administrativo Aula 15 COMO PREENCHER UM CHEQUE Cheque é uma ordem de pagamento. Existem vários itens importantes que devem ser observados na hora de preencher um cheque, como

Leia mais

TERMO DE ADESÃO DE USO DA LOJA VIRTUAL VT URBANO ITU. Para interpretação do Termo de Adesão e Uso do Loja Virtual VT Urbano Itu, considera-se:

TERMO DE ADESÃO DE USO DA LOJA VIRTUAL VT URBANO ITU. Para interpretação do Termo de Adesão e Uso do Loja Virtual VT Urbano Itu, considera-se: TERMO DE ADESÃO DE USO DA LOJA VIRTUAL VT URBANO ITU 1. Definições Para interpretação do Termo de Adesão e Uso do Loja Virtual VT Urbano Itu, considera-se: Empresa Concessionária: Viação Itu Ltda, pessoa

Leia mais

Cartão Consignado. Aposentados e Pensionistas do INSS

Cartão Consignado. Aposentados e Pensionistas do INSS Cartão Consignado Aposentados e Pensionistas do INSS Cartão Consignado INSS Regras Vigentes INSS Regras Vigentes Cartão exclusivo para compras (o saque é proibido). Temos que aguardar a manifestação do

Leia mais

2. ADESÃO AO PROGRAMA 2.1. A adesão pelos CLIENTES ao PROGRAMA será automática quando do desbloqueio dos CARTÕES.

2. ADESÃO AO PROGRAMA 2.1. A adesão pelos CLIENTES ao PROGRAMA será automática quando do desbloqueio dos CARTÕES. REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BENEFÍCIOS PAN+ 1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1.1. Este Regulamento estabelece as regras de participação dos clientes pessoa física Titulares e Adicionais ("CLIENTES" ou "CLIENTE")

Leia mais

TERMO DE ADESÃO E USO DA LOJA VIRTUAL VT URBANO VA Legal. Para interpretação do Termo de Adesão e Uso da Loja Virtual VT URBANO VA Legal considera-se:

TERMO DE ADESÃO E USO DA LOJA VIRTUAL VT URBANO VA Legal. Para interpretação do Termo de Adesão e Uso da Loja Virtual VT URBANO VA Legal considera-se: TERMO DE ADESÃO E USO DA LOJA VIRTUAL VT URBANO VA Legal 1. DEFINIÇÕES: Para interpretação do Termo de Adesão e Uso da Loja Virtual VT URBANO VA Legal considera-se: EMPRESA CONCESSIONÁRIA Viação Atibaia

Leia mais

índice O MANUAL 1 objetivo/para quem PERFIL DO NOSSO CLIENTE 2 ETAPA 1 3 a entrevista ETAPA 2 4 documentação necessária ETAPA 3 12

índice O MANUAL 1 objetivo/para quem PERFIL DO NOSSO CLIENTE 2 ETAPA 1 3 a entrevista ETAPA 2 4 documentação necessária ETAPA 3 12 índice O MANUAL 1 objetivo/para quem PERFIL DO NOSSO CLIENTE 2 ETAPA 1 3 a entrevista ETAPA 2 4 documentação necessária ETAPA 3 12 a proposta PREVENÇÃO DE FRAUDES 14 CONCLUSÃO 17 o manual OBJETIVO Apoiar

Leia mais

[CONFIDENCIAL] Manual para Formalização Consignado Público. Outubro/14

[CONFIDENCIAL] Manual para Formalização Consignado Público. Outubro/14 1 [CONFIDENCIAL] Manual para Formalização Consignado Público Outubro/14 Sumário 1. Apresentação... 3 2. Ficha Cadastral... 4 3. CCB - Cédula de Crédito Bancário... 4 4. Identificação Civil (RG)... 5 5.

Leia mais

Região Metropolitana de São Paulo

Região Metropolitana de São Paulo MA-GCF-002 Versão: 02 Vigência: 2015 Página: 1 / 14 2015 Região Metropolitana de São Paulo MA-GCF-002 Versão: 02 Vigência: 2015 Página: 2 / 14 ÍNDICE 1. Objetivo... 3 2. Direito de obtenção e utilização...

Leia mais

Movimento. Financeiro. Bancário. Contas a Pagar. Lançamento de Contas a Pagar (simples) Contas a Receber. Lançamento de Contas a Receber (simples)

Movimento. Financeiro. Bancário. Contas a Pagar. Lançamento de Contas a Pagar (simples) Contas a Receber. Lançamento de Contas a Receber (simples) Movimento Financeiro Contas a Pagar Lançamento de Contas a Pagar (simples) Contas a Receber Lançamento de Contas a Receber (simples) Movimento de Caixa Fechamento Caixa Bancos Apropriações de Centros de

Leia mais

CONTRATO PARA UTILIZAÇÃO DE CARTÃO CLUBE DEMAIS ALIMENTAÇÃO, QUE ENTRE SI CELEBRAM: SUPERMERCADOS DB LTDA E,

CONTRATO PARA UTILIZAÇÃO DE CARTÃO CLUBE DEMAIS ALIMENTAÇÃO, QUE ENTRE SI CELEBRAM: SUPERMERCADOS DB LTDA E, CONTRATO PARA UTILIZAÇÃO DE CARTÃO CLUBE DEMAIS ALIMENTAÇÃO, QUE ENTRE SI CELEBRAM: SUPERMERCADOS DB LTDA E, NAS MODALIDAES PAT- PROGRAMA DE ALIMENTAÇÃO DOS TRABALHADORES E/OU PRÊMIO - PREMIAÇÃO E INCENTIVO

Leia mais

Chec NEGATIVAÇÃO Serviço de registro de inadimplentes Manual de Uso e Aplicação

Chec NEGATIVAÇÃO Serviço de registro de inadimplentes Manual de Uso e Aplicação ACESSO AO SISTEMA DE Para ter acesso a área de negativação SRI (Serviço de Registro de Inadimplente), acesse o site www.checkok.com.br. Insira o seu código administrativo no campo de ACESSO EXCLUSIVO A

Leia mais

Procedimento Quanto a Solicitação e Emissão de Cheque Avulso

Procedimento Quanto a Solicitação e Emissão de Cheque Avulso I - FINALIDADE: Informatizar o processo de solicitação e emissão de cheques avulsos, além de proporcionar maior segurança e sigilo das informações. II - ÂMBITO DE APLICAÇÃO: Este procedimento se aplica

Leia mais

Administrador (cliente):

Administrador (cliente): PROJETO M & S COBRANÇA Institucional: 1. Índex; 2. Sobre a empresa; 3. Institucional; 4. Serviços; 5. Noticias com texto e imagens; 6. Formulário de contato; 7. História Fundação; 8. Logotipo dos clientes

Leia mais

REGIMENTO DO SCPC. Rua XV de Novembro, 621 Fone: (41) 3320-2929 80020-310 Curitiba PR www.acpr.com.br

REGIMENTO DO SCPC. Rua XV de Novembro, 621 Fone: (41) 3320-2929 80020-310 Curitiba PR www.acpr.com.br REGIMENTO DO SCPC Rua XV de Novembro, 621 Fone: (41) 3320-2929 80020-310 Curitiba PR www.acpr.com.br REGIMENTO INTERNO DO SERVIÇO DE REGIMENTO INTERNO DO SERVIÇO DE PROTEÇÃO PROTEÇÃO AO AO CRÉDITO CRÉDITO

Leia mais

Regulamento Programa Fidelidade

Regulamento Programa Fidelidade Regulamento Programa Fidelidade 1. CONDIÇÕES GERAIS 1.1. O presente instrumento tem por objetivo regulamentar a participação dos clientes das Farmácias SESI/DR/SC no Programa Fidelidade SESI Farmácia.

Leia mais

Circulação de Materiais

Circulação de Materiais Circulação de Materiais Manual APC Manual PER-MAN-001 Circulação de Materiais Sumário 1. EMPRÉSTIMO/DEVOLUÇÃO/DÉBITOS/RENOVAÇÃO... 1-1 1.1 1.2 EMPRÉSTIMO... 1-3 DEVOLUÇÃO... 1-7 1.3 DÉBITOS... 1-10 1.4

Leia mais

PRACTICO LIVE! FINANCEIRO CONFIGURAÇÕES BÁSICAS

PRACTICO LIVE! FINANCEIRO CONFIGURAÇÕES BÁSICAS PRACTICO LIVE! FINANCEIRO CONFIGURAÇÕES BÁSICAS Acessando Global -> Configuração Básica, temos: Assistente de Configuração A funcionalidade principal do Assistente é configurar as informações básicas para

Leia mais

Quando o cliente contemplado de eletro for apresentar a documentação para análise.

Quando o cliente contemplado de eletro for apresentar a documentação para análise. Cadastro On Line de Eletro Índice 1. Análise de Clientes 2. Análise de Fiadores 3. Checar Digitalizações 4. Pendência 5. Contrato de Alienação Quando Utilizar Quando o cliente contemplado de eletro for

Leia mais

Versão: 1.7.8.8 com instruções para Protesto

Versão: 1.7.8.8 com instruções para Protesto Versão: 1.7.8.8 com instruções para Protesto Utilização Para dar início ao processo, o cooperado deverá ter acesso ao internet banking. Se ainda não possuir, dirija-se aos caixas da Sicoob-Cocred. O programa

Leia mais

SUMÁRIO EXECUTIVO. Resumo do Contrato com o Associado Soluções Corporativas American Express

SUMÁRIO EXECUTIVO. Resumo do Contrato com o Associado Soluções Corporativas American Express SUMÁRIO EXECUTIVO Resumo do Contrato com o Associado Soluções Corporativas American Express Este Sumário apresenta um resumo das principais informações que a Empresa Associada e os Associados devem ter

Leia mais

Roteiro de Cadastros - GESTOR

Roteiro de Cadastros - GESTOR Página1 INDICE 1. MODULO EMPRESA 1.1. CADASTRO DE USUARIO --------------------------------------------------------------------- 4 1.2. CADASTRO DA EMPRESA --------------------------------------------------------------------

Leia mais

POP. Departamento Financeiro

POP. Departamento Financeiro POP Departamento Financeiro QUEM É QUEM Nome: Pedro Albuquerque Cargo: Assistente de contas a Pagar E-mail: pedroalbuquerque@cvc.com.br Radio: 23*17193 Nome: Elisângela Leite Sobral Cargo: Tesoureira E-mail:

Leia mais

Regulamento Programa de Relacionamento da Cartão BRB

Regulamento Programa de Relacionamento da Cartão BRB Regulamento Programa de Relacionamento da Cartão BRB 1. Condições Gerais Este instrumento tem como objetivo regulamentar a participação dos titulares dos cartões de crédito da Cartão BRB participantes

Leia mais

PRECEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO Nome da Tarefa: Análise de concessão de credito

PRECEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO Nome da Tarefa: Análise de concessão de credito I - OBJETIVO Melhorar a aprovação de crédito e reduzir a inadimplência. II - ÂMBITO DE APLICAÇÃO Este procedimento se aplica a todas as lojas da Top Magazine. III ORIENTAÇÕES A crediarista deverá usar

Leia mais

CCB Cédula de Crédito Bancário Consignação INSS

CCB Cédula de Crédito Bancário Consignação INSS CCB Cédula de Crédito Bancário Consignação INSS Pela presente CÉDULA DE CRÉDITO BANCARIO, doravante designada como CÉDULA, pagarei ao Banco Ibi S.A. Banco Múltiplo, com sede na Alameda Rio Negro, 585,

Leia mais

O C artão d o S ervidor PR P E R F E EI E TUR U A R A MU M N U I N CI C PA P L A L DE D E LOND N R D I R NA N

O C artão d o S ervidor PR P E R F E EI E TUR U A R A MU M N U I N CI C PA P L A L DE D E LOND N R D I R NA N O Cartão do Servidor PREFEITURA MUNICIPAL DE LONDRINA Cartão BMG Card O BMG Card é um cartão de crédito com bandeira MasterCard, direcionado aos Servidores Públicos Estatutários do Governo de Santa Catarina,

Leia mais

DICAS LEGAIS ADMINISTRAÇÃO INTERNA DICAS PARA ASSOCIADOS

DICAS LEGAIS ADMINISTRAÇÃO INTERNA DICAS PARA ASSOCIADOS DICAS LEGAIS ADMINISTRAÇÃO INTERNA DICAS PARA ASSOCIADOS Dados importantes na FICHA CADASTRAL Nome completo, sem abreviatura Data de nascimento Filiação (mesmo que falecidos) CPF/RG Nome do cônjuge Endereço/Tempo

Leia mais

ACESSAR: www.bmgconsig.com.br. Digite seu Usuário e Senha Digite os algarismos Clique em OK

ACESSAR: www.bmgconsig.com.br. Digite seu Usuário e Senha Digite os algarismos Clique em OK ROTEIRO OPERACIONAL ACESSAR: www.bmgconsig.com.br Digite seu Usuário e Senha Digite os algarismos Clique em OK ACESSO A DIGITAÇAO Clique em Proposta no Menu Selecione Nova IDENTIFICAR A OPERAÇÃO Entidade:

Leia mais

2 - Quais as vantagens do Confidence Travel Card em relação ao Cheques de Viagem e o Cartão de Crédito?

2 - Quais as vantagens do Confidence Travel Card em relação ao Cheques de Viagem e o Cartão de Crédito? Perguntas frequentes Confidence Travel Card Sobre o Cartão Confidence Travel Card 1 - Eu posso adquirir e recarregar um Confidence Travel Card nas Bandeiras Visa e Mastercard? Para Compra: Na bandeira

Leia mais

Criar uma sistemática para orientar e padronizar o processo do caixa.

Criar uma sistemática para orientar e padronizar o processo do caixa. Página 1 de 5 1 OBJETIVO Criar uma sistemática para orientar e padronizar o processo do caixa. 2 FLUXOGRAMA DO PROCESSO 3 DEFINIÇÕES Varejo: são produtos a pronta-entrega (Linha Natufarma, Produto de revenda)

Leia mais

TREINAMENTO BRADESCARD. Lojas BP

TREINAMENTO BRADESCARD. Lojas BP TREINAMENTO BRADESCARD Lojas BP 1 Cartão BradesCard O BradesCard facilita a realização dos seus clientes de forma prática e flexível. Especializado no Varejo, oferece um portfólio completo de produtos

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS TREND RENTA A CAR LOCAÇÃO DE CARRO INTERNACIONAL

CONDIÇÕES GERAIS TREND RENTA A CAR LOCAÇÃO DE CARRO INTERNACIONAL Prezado Agente de Viagens, Segue abaixo informações importantes sobre suas reservas, as quais deverão ser repassadas ao seu cliente, para que este fique ciente das condições gerais. A emissão da Reserva

Leia mais

Condições Gerais de Uso Cartão Rendimento Visa TravelMoney

Condições Gerais de Uso Cartão Rendimento Visa TravelMoney Condições Gerais de Uso Cartão Rendimento Visa TravelMoney BANCO RENDIMENTO S/A, com sede na Av. Brigadeiro Faria Lima, 2.092, 19ºandar, São Paulo, Capital, inscrito no C.N.P.J. sob no. 68.900.810/0001-38,

Leia mais

Curso Gratuito Operador de Caixa

Curso Gratuito Operador de Caixa Acredite no seu potencial, bons estudos! Curso Gratuito Operador de Caixa Carga horária: 35hs 1 Conteúdo Introdução Conhecendo a empresa, seus produtos, serviços e pagamentos Controle interno e fluxo de

Leia mais

Cursos de curta duração: XX INTENSIVO COMUNICAÇÃO (13 de Outubro a 11 de Dezembro de 2015)

Cursos de curta duração: XX INTENSIVO COMUNICAÇÃO (13 de Outubro a 11 de Dezembro de 2015) - 1 - CURSO: INTENSIVO COMUNICAÇÃO PERÍODO: TARDE NOME DO ALUNO: Inteligente Cursos Preparatórios para Vestibulares Ltda - CNPJ 07.865.349-0001-35, com sede à Av. Liberdade 595, 2 andar Bairro da Liberdade,

Leia mais

Duvidas XDental 2015

Duvidas XDental 2015 Duvidas XDental 2015 Criação da requisição 1.Após aprovar um orçamento com alguma especialidade de prótese, clique em relató rios clínicos para criar uma requisição. Secione a especialidade de prótese

Leia mais

Presenteie parentes ou amigos em qualquer lugar do Brasil.

Presenteie parentes ou amigos em qualquer lugar do Brasil. Compras de Final de Ano Veja as vantagens e como é prático comprar pela internet: Você não sai de casa para comprar; Recebe o produto no conforto do seu lar; Filas? Esqueça; Não precisa bater perna atrás

Leia mais

PRODUTOS: FAÇA VALER SEUS DIREITOS NA HORA DA COMPRA E NO PÓS-VENDA!

PRODUTOS: FAÇA VALER SEUS DIREITOS NA HORA DA COMPRA E NO PÓS-VENDA! PRODUTOS: FAÇA VALER SEUS DIREITOS NA HORA DA COMPRA E NO PÓS-VENDA! CUIDADOS AO COMPRAR UM PRODUTO Houve um tempo em que o consumidor se sentia desamparado na hora de adquirir um produto. Sem contar com

Leia mais

Termo de aceitação e condições de Uso do Site DAMYLLER.COM.BR

Termo de aceitação e condições de Uso do Site DAMYLLER.COM.BR Termo de aceitação e condições de Uso do Site DAMYLLER.COM.BR Bem-vindo a Damyller! Convidamos você a ler as informações abaixo mencionadas, a fim de lhe permitir obter maior conhecimento em relação a

Leia mais

Regulamento Programa de Relacionamento da Cartão BRB

Regulamento Programa de Relacionamento da Cartão BRB Regulamento Programa de Relacionamento da Cartão BRB 1. Condições Gerais Este instrumento tem como objetivo regulamentar a participação dos titulares dos cartões de crédito da Cartão BRB participantes

Leia mais

Cheque. 1) Informações Gerais. Roteiro da Aula. Informações Gerais. Informações Gerais. Informações Gerais

Cheque. 1) Informações Gerais. Roteiro da Aula. Informações Gerais. Informações Gerais. Informações Gerais Professor Luiz Antonio de Carvalho Cheque lac.consultoria@gmail.com Roteiro da Aula 1) Informações Gerais; 2) Requisitos essenciais; 3) Endosso; 4) Cruzamento; 5) Compensação; 6) CCF; 7) Outros. 1 2 Informações

Leia mais

SUMÁRIO. por: tayara Correa nunes

SUMÁRIO. por: tayara Correa nunes SUMÁRIO 1. INtRODUÇÃO 2. HISTÓRIA DO CARTÃO 3. CARÁCTERISTICAS DO CARTÃO 4. COMO USAR - passo a passo 5. BENEFÍCIOS E VANTAGENS 6. POR QUE USAR O CARTÃO E NÃO O DINHEIRO Utilização do E-BOOK OBS.. O autor

Leia mais

Instruções Liquidação de Contrato de Arrendamento Mercantil

Instruções Liquidação de Contrato de Arrendamento Mercantil Instruções Liquidação de Contrato de Arrendamento Mercantil Preparamos para você o passo a passo sobre o processo de liquidação contratual. Veja quais ações você precisará tomar para obter a liberação

Leia mais

Consignação Manual do Correspondente Consignação

Consignação Manual do Correspondente Consignação Manual do Correspondente Consignação Banestes S.A. - Banco do Estado do Espírito Santo GCONS - Gerência de Consignação SUMÁRIO 1. Conceito...3 2. Apresentação...3 3. Informações Gerais...3 3.1. Condições

Leia mais

2.4. Só será permitida uma única inscrição por participante (CPF), sendo que, em caso de duplicidade, uma das inscrições será cancelada.

2.4. Só será permitida uma única inscrição por participante (CPF), sendo que, em caso de duplicidade, uma das inscrições será cancelada. Regulamento: O presente regulamento estabelece os termos e as condições do Programa Club Red Brasil, bem como a concessão e utilização de créditos através de cartões de débito. Todos os participantes,

Leia mais