A Integração como Meio de Prevenção e Proteção nos Condomínios. Palestrante: Cap PM José Elias de Godoy

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "A Integração como Meio de Prevenção e Proteção nos Condomínios. Palestrante: Cap PM José Elias de Godoy"

Transcrição

1 A Integração como Meio de Prevenção e Proteção nos Condomínios Palestrante: Cap PM José Elias de Godoy São Paulo, 29 de Maio de 2010

2 Objetivo Conscientizar os participantes sobre a real necessidade de se aplicar ações preventivas e integradas aos sistemas de proteção em condomínios.

3 Modalidades de Assaltos em Condomínios nios Pontual - Assalto a uma unidade específica Perfil das vítimas qualquer tipo de condomínio nas diversas classes sociais (facilidade de acesso e fuga) Arrastão - Assalto a várias unidades, simultaneamente, normalmente dominando a portaria Perfil das vítimas v de arrastão grande maioria de condomínios de classe alta, com no máximo 02 torres e com uma única entrada principal 3

4 Como agem os bandidos? Entender o que se passa pela cabeça do bandido na hora do assalto pode ajudar sua vida. Os marginais podem ser classificados em dois tipos básicos: o eventual e o profissional. Na prática, ambos querem que a vítima fique parada e obedeça É mais impulsivo calmamente, mas o criminoso eventual pode ser mais perigoso: EVENTUAL Tem entre 14 e 18 anos e costuma estar drogado Não planeja a ação Tem menos experiência Nervoso, grita, xinga, ofende e treme Não sabe bem o que quer e não aceita o não Perverso, tem medo da vítima e do inesperado PROFISSIONAL Demonstra autocontrole Tem mais de 14 e 18 anos Geralmente planeja a ação Perfil dos bandidos de condomínios É menos perigoso, mas pode tornar-se cruel se algo der errado Tem noção mais clara do que quer Está preparado para a hipótese do assalto se prolongar Fonte: Veja Sua Segurança

5 Fatores que Influenciam na Escolha do Alvo A Localização do Imóvel; Condôminos com Alto Poder Aquisitivo, de Alta Influência ou Destaque (VIPs) Valores (Jóias, Dinheiro, Equipamentos Eletrônicos) A Ausência ou Deficiência dos Sistemas de Segurança (Câmeras, Alarmes, Sensores, Vigilantes, etc.); O Visual Aparente do Condomínio; Os Veículos / Status dos Moradores; A Alta Freqüência de Visitantes; Informações Privilegiadas; Vazamento de Informações.

6 Algumas peculiaridades sobre Roubos em Condomínios nios Na Capital e grandes cidades, na grande maioria dos roubos os ladrões entraram pelas entradas principais e a maior estratégia é a utilização de disfarces ou abordagem na ruas e levando para dentro; Há casos de incursão pelos fundos ou laterais do condomínio, pela casa vizinha (perímetros, muros, grades) normalmente condomínios horizontais; Uns criminosos ficam do lado de fora informando a movimentação com um celular ou rádios; Presença de, no mínimo, uma mulher na quadrilha; 6

7 Algumas peculiaridades sobre Roubos em Condomínios nios Fingem ser moradores, prestadores de serviço, entregadores, parentes ou funcionários destes; Entram no condomínio dentro do veículo de um morador ou com veículo clonado; É freqüente a utilização de armamento de grosso calibre, principalmente nos arrastões; Utilizam controles clonados para abrir a garagem; Objetivo dos assaltos: Dinheiro em Reais; Dólares; Euros e Libra Esterlina; Jóias; Equipamentos de Informática e Celulares

8 Áreas Vulneráveis locais onde podem ocorrer invasões Áreas de Invasão perímetro externo (muros) Áreas Críticas portões de pedestres e acesso à garagem, locais onde se deve dar maior atenção. Áreas de Controle pátio interno Áreas de Perigo portas de entrada no edifício (social e serviço) Áreas de Proteção (alvo) residência ou apartamento 8

9 Triângulo da Segurança em Condomínios nios Segurança a FísicaF das Instalações Investimento em Funcionários Conscientização dos Condôminos

10 Estatística stica Grau de Participação/Responsabilidade 65% 15% 20% Instalações Físicas Equipamento Pessoas 10

11 BLINDAGEM DE GUARITA

12 GRADES e PORTÕES

13 MODELOS DE PORTÕES BASCULANTE DESLIZANTE PIVOTANTE PIVOTANTE 13

14 Clausura 14

15 BARREIRAS PERIMETRAIS

16 MUROS 16

17 ILUMINAÇÃO

18 SISTEMAS DE COMUNICAÇÕES

19 ALARMES

20 20 Central de Alarme

21 CERCA ELETRIFlCADA

22 CFTV

23 CFTV 23

24 CENTRAL de MONITORAMENTO

25 CONTROLE de ACESSO

26 Controle de Acesso Pedestres Veículos 26

27 Controle de Acesso Sistemas de biometria Verificam a pessoa e não um objeto 27

28 Controle de Acesso Íris 28

29 Dicas para SíndicosS Promova a integração do condomínio com os órgãos de Segurança Pública e entre prédios e vizinhança além de consultar especialistas na área. Organize treinamentos periódicos aos funcionários, visando a segurança do condomínio Dispor de serviços especializados Treinar funcionários Defina claramente as responsabilidades do porteiro no controle de acesso de fornecedores, vendedores e funcionários de empresas de serviços ou do correio Despertar a consciência Papel do Síndico Definir responsabilidades Nas assembléias, aborde sempre assuntos relativos à segurança do condomínio para despertar a consciência de todos. Comunicar as normas Estar alerta Dê conhecimento das normas de segurança do condomínio aos funcionários e moradores. Na contratação dos funcionários, solicite documentos e referências. Certifique se quanto à autenticidade e veracidade das informações. Fiscalize a rotina e conduta de trabalho dos empregados

30 Dicas para Funcionários Ter na portaria uma lista atualizada de telefones úteis. Manter-se no Posto de trabalho Permaneça sempre em seu posto de trabalho. Ao deslocar-se, deixe sempre um substituto. Ao atender estranhos, mantenha os portões fechados e as pessoas do lado de fora. Não permita que pessoas estranhas adentrem o portão para conversar com o porteiro ou outro funcionário, pela janela da guarita. Preparar-se para emergências Evitar se expor Nos horários de limpeza e recolhimento de lixos, manter as entradas dos edifícios fechadas. Papel do Funcionári o Manter portões fechados Seguir as normas Obedeça às regras e normas relativas à segurança do prédio. Não comente sobre rotina do prédio e de moradores com ninguém. Ficar atento a disfarces Ao receber prestador de serviço,avise ao condômino e só permita acesso as dependências mediante autorização do morador.

31 Dicas para Condôminos Aconselhá-los para que instalem equipamentos de segurança tais como olho mágico, botões de emergência e sensores de abertura de portas e janelas. Quando entrar no condomínio, identificar-se ao porteiro, quer seja abaixando o vidro ou mesmo acendendo a luz interna do veículo. Dispor de equipamentos Fazer-se identificar Orientá-los para que evitem comentar sobre sua vida íntima, seus patrimônios e ganhos na frente de estranhos ou mesmo de empregados. Orientá-los para que evitem deixar recados na portaria ou bilhetes afixados na porta do apartamento. Colaborar acima de tudo Papel do Condômino Agir com discrição Conscientizá-los que sua compreensão e colaboração são fundamentais para a segurança do condomínio. Mostrá-los para que compreenda as ações preventivas dos funcionários, mesmo quando estas representem algum transtorno para si ou para suas visitas. Participar das reuniões Ficar atento Concitá-los a participar ativamente de reuniões relativas à segurança, integrando comissões sobre o assunto. Orientá-los a ficarem atentos ao movimento de pessoas próximas, quando estiver entrando ou saindo do prédio.

32 REPORTAGEM FANTÁSTICO SET/09

33 PREVENÇÃO Depende quase, exclusivamente, do rigoroso cumprimento das rotinas de Segurança pelos usuários da Comunidade visando diminuir Oportunidades

Como dicas de segurança, sugerimos:

Como dicas de segurança, sugerimos: POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO QÜINQUAGÉSIMO PRIMEIRO BATALHÃO DE POLÍCIA MILITAR DO INTERIOR SETOR DE ASSUNTOS CIVIS Como dicas de segurança, sugerimos: Edifícios: - As normas de segurança a serem

Leia mais

Condomínios mais Seguros

Condomínios mais Seguros Condomínios mais Seguros Palestra ministrada pelo Capitão Yasui Comandante da 2ª Companhia do 49º Batalhão de Polícia Militar. 13/04/2011 Formulado por um grupo de trabalho composto por policiais civis

Leia mais

MANUAL SEGURANÇA CONDOMINIAL

MANUAL SEGURANÇA CONDOMINIAL MANUAL SEGURANÇA CONDOMINIAL MANUAL DE SEGURANÇA CONDOMINIAL Parte I A CondominiOnline.com traz a você este manual, cujas informações são imprescindíveis e úteis quando for tratar deste importante assunto

Leia mais

POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO

POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO Programa Vizinhança Solidária O Programa Vizinhança Solidária cria a adoção de mecanismos dentro da filosofia de polícia comunitária de estímulo à mudança de comportamento dos integrantes de determinadas

Leia mais

1 Fique atento ao entrar ou sair de sua casa ou apartamento

1 Fique atento ao entrar ou sair de sua casa ou apartamento 1 Fique atento ao entrar ou sair de sua casa ou apartamento O momento em que entramos ou saímos de nossas residências, costuma oferecer grande risco, pois normalmente estamos distraídos, além de abrirmos,

Leia mais

Vol. II. Condomínios Residenciais. Manual de Segurança. Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br

Vol. II. Condomínios Residenciais. Manual de Segurança. Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br Vol. II Condomínios Residenciais Manual de Segurança Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br F Apresentação inal de um dia de trabalho. O provável morador acaba de chegar em frente ao seu prédio, esperando

Leia mais

VIVENDO EM CONDOMINIOS COM SEGURANÇA.

VIVENDO EM CONDOMINIOS COM SEGURANÇA. VIVENDO EM CONDOMINIOS COM SEGURANÇA. Viver em condomínio exige mais no aspecto da segurança, além dos cuidados rotineiros com as medidas de segurança individual de cada morador temos que observar se os

Leia mais

S E G U R A N Ç A E M C O N DO MÍN IO S, P R É DIO S E R E S IDÊ N C IA S

S E G U R A N Ç A E M C O N DO MÍN IO S, P R É DIO S E R E S IDÊ N C IA S S E G U R A N Ç A E M C O N DO MÍN IO S, P R É DIO S E R E S IDÊ N C IA S Caxias do Sul, RS, Outubro de 2012. S lide - 1 S um á rio Apresentação do Palestrante e sua empresa; Objetivo da Palestra Dados

Leia mais

TRT Quarta Região Especialidade Segurança. Prof. Rodrigo Corrêa

TRT Quarta Região Especialidade Segurança. Prof. Rodrigo Corrêa TRT Quarta Região Especialidade Segurança Prof. Rodrigo Corrêa SEGURANÇA CORPORATIVA ESTRATÉGICA Segurança da Gestão das áreas e instalações. Medidas de Segurança São medidas necessárias para garantir

Leia mais

Manual de Segurança. Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br

Manual de Segurança. Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br Vol. V Indústrias Manual de Segurança Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br I mplementar um sistema de segurança eficaz em uma indústria não costuma ser uma tarefa fácil, principalmente porque, na

Leia mais

Vol. I. Condomínios Residenciais. Manual de Segurança. Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br

Vol. I. Condomínios Residenciais. Manual de Segurança. Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br Vol. I Condomínios Residenciais Manual de Segurança Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br Apresentação C âmeras espalhadas por todos os lados, guardas armados, portões altos e com cerca elétrica nem

Leia mais

DICAS DE SEGURANÇA EM CONDOMÍNIOS

DICAS DE SEGURANÇA EM CONDOMÍNIOS DICAS DE SEGURANÇA EM CONDOMÍNIOS w w w. a a b i c. o rg. b r w w w. a a b i c. o r g. b r Consulte uma empresa associada. TELEFONES DE EMERGÊNCIA Polícia SAMU Bombeiros 190 192 193 Verifique os telefones

Leia mais

SAIA DA MIRA SAIA DA MIRA DICAS DE PREVENÇÃO

SAIA DA MIRA SAIA DA MIRA DICAS DE PREVENÇÃO SAIA DICAS DE PREVENÇÃO Todos os dias, em vários lugares, estamos expostos a riscos. Seja no trabalho, em casa, na escola, ou quando estamos passeando. Por isso, a Prefeitura de São José dos Campos elaborou

Leia mais

Um Sistema informatizado desenvolvido com alto padrão tecnológico para maior

Um Sistema informatizado desenvolvido com alto padrão tecnológico para maior Um Sistema informatizado desenvolvido com alto padrão tecnológico para maior segurança e bem-estar dos condôminos. Oferecemos a mais nova solução tecnológica, ideal contra invasão domiciliar, objetivando

Leia mais

DICAS DE SEGURANÇA EM CONDOMÍNIOS

DICAS DE SEGURANÇA EM CONDOMÍNIOS DICAS DE SEGURANÇA EM CONDOMÍNIOS DICAS PARA O SÍNDICO Criar um espírito de comunicação e comunidade entre os moradores do edifício sem dúvida é um grande aliado para segurança de todos. Periodicamente,

Leia mais

Não abra a carteira ou a bolsa na frente de estranhos. Separe pequenas quantias de dinheiro para pagar passagem, café, cigarros etc.

Não abra a carteira ou a bolsa na frente de estranhos. Separe pequenas quantias de dinheiro para pagar passagem, café, cigarros etc. Dicas de Segurança I Cuidados no dia-a-dia Nas Ruas Previna-se contra a ação dos marginais não ostentando objetos de valor como relógios, pulseiras, colares e outras jóias de valor. Evite passar em ruas

Leia mais

REGRAS PARA NÃO SE TORNAR UMA VÍTIMA DA VIOLÊNCIA URBANA

REGRAS PARA NÃO SE TORNAR UMA VÍTIMA DA VIOLÊNCIA URBANA SEGURANÇA PESSOAL EM ÁREAS DE ALTO RISCO REGRAS PARA NÃO SE TORNAR UMA VÍTIMA DA VIOLÊNCIA URBANA (Adaptação) BANCO DO BRASIL DILOG/ PRINCIPAIS AMEAÇAS Seqüestro relâmpago Com duração de 1 a 24 horas,

Leia mais

BANCO DO BRASIL GEREL Belo Horizonte (MG) NUSEG - Núcleo de Segurança SEGURANÇA PESSOAL EM ÁREAS DE ALTO RISCO

BANCO DO BRASIL GEREL Belo Horizonte (MG) NUSEG - Núcleo de Segurança SEGURANÇA PESSOAL EM ÁREAS DE ALTO RISCO SEGURANÇA PESSOAL EM ÁREAS DE ALTO RISCO REGRAS PARA NÃO SE TORNAR UMA VÍTIMA DA VIOLÊNCIA URBANA (Adaptação) DILOG/ PRINCIPAIS AMEAÇAS Seqüestro relâmpago Com duração de 1 a 24 horas, geralmente para

Leia mais

31º BATALHÃO. Avenida Salvador Allende nº 5.500 Barra da Tijuca/Cep: 22.783-127 Oficial de Dia 2332-7462. e-mail: 31bpm@operacional.pmerj.

31º BATALHÃO. Avenida Salvador Allende nº 5.500 Barra da Tijuca/Cep: 22.783-127 Oficial de Dia 2332-7462. e-mail: 31bpm@operacional.pmerj. 31º BATALHÃO Avenida Salvador Allende nº 5.500 Barra da Tijuca/Cep: 22.783-127 Oficial de Dia 2332-7462 e-mail: 31bpm@operacional.pmerj.org RESPONSABILIDADE DO SÍNDICO 1. Antes de contratar empregados,

Leia mais

Cuidados com a sua casa durante a viagem. Não comente sua viagem perto de pessoas estranhas. Uma opção é contratar um caseiro de confiança.

Cuidados com a sua casa durante a viagem. Não comente sua viagem perto de pessoas estranhas. Uma opção é contratar um caseiro de confiança. VIAGENS Cuidados com a sua casa durante a viagem Não comente sua viagem perto de pessoas estranhas. Uma opção é contratar um caseiro de confiança. Nas áreas externas, não deixe ferramentas e escadas, elas

Leia mais

Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br. Manual de Segurança

Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br. Manual de Segurança Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br Instituições de Ensino Vol. VIV Manual de Segurança U Apresentação m dos maiores desafios durante a elaboração de um sistema de segurança para uma instituição

Leia mais

SEGURANÇA PESSOAL ÁREAS DE ALTO RISCO. Dicas para não se tornar uma vítima da VIOLÊNCIA URBANA

SEGURANÇA PESSOAL ÁREAS DE ALTO RISCO. Dicas para não se tornar uma vítima da VIOLÊNCIA URBANA SEGURANÇA PESSOAL EM ÁREAS DE ALTO RISCO Dicas para não se tornar uma vítima da VIOLÊNCIA URBANA A segurança e o bem-estar de todos por um Guaporé melhor a cada dia. MUNICÍPIO DE GUAPORÉ Av. Silvio Sanson,

Leia mais

POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO SETOR DE COMUNICAÇÃO SOCIAL MANUAL DE AUTO PROTEÇAO DO CIDADÃO.

POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO SETOR DE COMUNICAÇÃO SOCIAL MANUAL DE AUTO PROTEÇAO DO CIDADÃO. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO SETOR DE COMUNICAÇÃO SOCIAL MANUAL DE AUTO PROTEÇAO DO CIDADÃO. (A Parte, que se segue, foi extraída do Manual acima. O Manual completo pode ser baixado via Internet

Leia mais

Vídeo Porteiro, Casa Inteligente Alarme, CFTV, Signage, muita segurança e tranquilidade! INSTALADOR AUTORIZADO

Vídeo Porteiro, Casa Inteligente Alarme, CFTV, Signage, muita segurança e tranquilidade! INSTALADOR AUTORIZADO Vídeo Porteiro,, Casa Inteligente Alarme, CFTV, Signage, muita segurança e tranquilidade! INSTALADOR AUTORIZADO VOXI VOXI X10 Tenha o controle de seu bem estar em suas mãos! Com a vida agitada e estressante

Leia mais

SEGURANÇA em CONDOMÍNIOS

SEGURANÇA em CONDOMÍNIOS SEGURANÇA em CONDOMÍNIOS 3ª EDIÇÃO REVISADA E ATUALIZADA SINDICOND SINDICATO DOS CONDOMÍNIOS DE PRÉDIOS E EDIFÍCIOS COMERCIAIS, INDUSTRIAIS, RESIDENCIAIS E MISTOS INTERMUNICIPAL DO ESTADO DE SÃO PAULO

Leia mais

MANUAL DE SEGURANÇA EM CONDOMINIOS RESIDENCIAIS

MANUAL DE SEGURANÇA EM CONDOMINIOS RESIDENCIAIS MANUAL DE SEGURANÇA EM CONDOMINIOS RESIDENCIAIS MANUAL DE SEGURANÇA EM CONDOMINIOS RESIDENCIAIS Não há estratégias ou sistemas de segurança intransponíveis. Isso é o que dizem todos os especialistas do

Leia mais

Copyright RHVIDA S/C Ltda. www.rhvida.com.br

Copyright RHVIDA S/C Ltda. www.rhvida.com.br SEGURANÇA PESSOAL NO TRÂNSITO Estatísticas vêm demonstrando que o risco de perder a vida dentro do seu carro, num sinal de trânsito, é maior do que em qualquer outra situação. A RHVIDA fez um resumo das

Leia mais

Vol. IV. Instituições Financeiras. Manual de Segurança. Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br

Vol. IV. Instituições Financeiras. Manual de Segurança. Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br Instituições Financeiras Vol. IV Manual de Segurança Apresentação N a calçada, antes mesmo de se aproximar da entrada da agência bancária, o cliente coloca as

Leia mais

Sistema de Segurança

Sistema de Segurança Sistema de Segurança Controle de Acesso de veiculos e pessoas via cartão O controle funciona como barreira para controlar o acesso de pessoas e veículos em áreas restritas. A Tecnologia RFID, é um tipo

Leia mais

Termos Gerais de Serviço ANEXO 1

Termos Gerais de Serviço ANEXO 1 Termos Gerais de Serviço ANEXO 1 Glossário 1. 2. 3. 4. 5. 6. PORTARIA REMOTA ORSEGUPS Solução Orsegups para o gerenciamento remoto de controle de acesso de pedestres, veículos, moradores, prestadores de

Leia mais

MANUAL DE SEGURANÇA PESSOAL

MANUAL DE SEGURANÇA PESSOAL MANUAL DE SEGURANÇA PESSOAL O Grupo Haganá elaborou este manual de dicas de segurança pessoal com algumas informações importantes para o dia a dia. As informações contidas aqui são de caráter prático e

Leia mais

IMPORTANTES. Jamais tenha armas no estabelecimento. Elas tendem a aumentar o resultado danoso da situação. A vida deve estar sempre em primeiro lugar.

IMPORTANTES. Jamais tenha armas no estabelecimento. Elas tendem a aumentar o resultado danoso da situação. A vida deve estar sempre em primeiro lugar. INTRODUÇÃO O crime e a violência têm origem por inúmeros fatores. Por isso, a atuação das polícias tem sido a mais abrangente e diversificada possível. Combina ações repressivas e preventivas, com o objetivo

Leia mais

INTRODUÇÃO atuação das polícias abrangente diversificada ações repressivas preventivas proteção esforço risco recom- pensa diagnóstico

INTRODUÇÃO atuação das polícias abrangente diversificada ações repressivas preventivas proteção esforço risco recom- pensa diagnóstico INTRODUÇÃO O crime e a violência têm origem por inúmeros fatores. Por isso, a atuação das polícias tem sido a mais abrangente e diversificada possível. Combina ações repressivas e preventivas, com o objetivo

Leia mais

Portaria Catarina Modelos e Procedimentos. Sugestão Comissão de Obras Criação de Sala de Estar/Recepção Modelo

Portaria Catarina Modelos e Procedimentos. Sugestão Comissão de Obras Criação de Sala de Estar/Recepção Modelo Portaria Catarina Modelos e Procedimentos Sugestão Comissão de Obras Criação de Sala de Estar/Recepção Modelo 1 Alterações Físicas Para implementação desta alternativa a quantidade de alterações físicas

Leia mais

O CONDOMÍNIO JÁ ANALISOU O PREÇO, NÃO ESQUEÇA DA QUALIDADE!!!

O CONDOMÍNIO JÁ ANALISOU O PREÇO, NÃO ESQUEÇA DA QUALIDADE!!! O CONDOMÍNIO JÁ ANALISOU O PREÇO, NÃO ESQUEÇA DA QUALIDADE!!! Como em qualquer segmento, quando fazemos uma licitação muitas vezes nos deparamos com propostas que aparentemente oferecem os mesmos serviços,

Leia mais

GAMA TECNOLOGIA EM SEGURANÇA PATRIMONIAL LTDA.

GAMA TECNOLOGIA EM SEGURANÇA PATRIMONIAL LTDA. GAMA TECNOLOGIA EM SEGURANÇA PATRIMONIAL LTDA. GAMA TECNOLOGIA EM SEGURANÇA PATRIMONIAL LTDA. Criada em 2002, a GAMA TECNOLOGIA EM SEGURANÇA foi fundada em João Pessoa PB, para prestar serviços de instalações

Leia mais

Mantenha os vidros fechados e as portas travadas por dentro. Não dê carona a desconhecidos.

Mantenha os vidros fechados e as portas travadas por dentro. Não dê carona a desconhecidos. NO CARRO Como se prevenir Procure usar um carro que não chame a atenção. Mantenha os vidros fechados e as portas travadas por dentro. Não dê carona a desconhecidos. Evite transportar objetos de valor quando

Leia mais

Vol. III. Condomínios Comerciais. Manual de Segurança. Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br

Vol. III. Condomínios Comerciais. Manual de Segurança. Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br Condomínios Comerciais Vol. III Manual de Segurança O Apresentação s Condomínios Empresariais/ Comerciais buscam um sistema de segurança adequado e eficiente,

Leia mais

Vol. VII. Instituições de Saúde. Manual de Segurança. Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br

Vol. VII. Instituições de Saúde. Manual de Segurança. Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br Instituições de Saúde Vol. VII Manual de Segurança A Apresentação s instituições de saúde, principalmente os hospitais, são freqüentemente vítimas de ataques externos

Leia mais

UNIP UNIVERSIDADE PAULISTA

UNIP UNIVERSIDADE PAULISTA UNIP UNIVERSIDADE PAULISTA GERENCIAMENTO DE REDES Segurança Lógica e Física de Redes 2 Semestre de 2012 SEGURANÇA FÍSICA Introdução Recomendações para o controle do acesso físico Política de segurança

Leia mais

2.2 - A entrada ou saída de pedestres nas dependências da ULIVING BELA VISTA dar-se-á, pela recepção principal Rua Barata Ribeiro, 61

2.2 - A entrada ou saída de pedestres nas dependências da ULIVING BELA VISTA dar-se-á, pela recepção principal Rua Barata Ribeiro, 61 O Regulamento Interno da ULIVING BELA VISTA, localizado na cidade de SÃO PAULO CAPITAL, à Rua Barata Ribeiro nº 61 estabelece as regras de convivência e as relações entre os usuários do empreendimento.

Leia mais

Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br. Manual de Segurança

Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br. Manual de Segurança Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br Instituições de Lazer Vol. VIII Manual de Segurança Apresentação O momento é de relaxamento. Quem procura um clube ou associação esportiva não quer se preocupar

Leia mais

Prime IHC. Intelligent Home Control. Automação residencial com estilo, segurança e economia de energia.

Prime IHC. Intelligent Home Control. Automação residencial com estilo, segurança e economia de energia. Intelligent Home Control com estilo, segurança e economia de energia. Projetos inteligentes exigem um sistema de automação completo. Funcionamento do sistema. O funciona com entradas e saídas, controlando

Leia mais

Polícia Militar do Estado de São Paulo. Segurança em Condomínios

Polícia Militar do Estado de São Paulo. Segurança em Condomínios Polícia Militar do Estado de São Paulo Segurança em Condomínios SUMÁRIO Apresentação 04 Capítulo I Como deve ser a segurança de um condomínio 05 1.1. Barreiras físicas 05 1.2. Iluminação 06 1.3. Sinalização

Leia mais

SEGURANÇA NA USP. Faculdade de Ciências Farmacêuticas - USP

SEGURANÇA NA USP. Faculdade de Ciências Farmacêuticas - USP SEGURANÇA NA USP GUARDA Faculdade de Ciências Farmacêuticas - USP MAPAS DE RISCO GUARDA GUARDA MAPA DE RISCO - USP 2011 Esporte para Todos ÁREA F ÁREA B Praça do Relógio ÁREA B1 ÁREA A Portão Fepasa ÁREA

Leia mais

Dicas de Segurança para Consultórios Odontológicos As orientações tem como único objetivo dificultar a ação dos criminosos.

Dicas de Segurança para Consultórios Odontológicos As orientações tem como único objetivo dificultar a ação dos criminosos. Dicas de Segurança para Consultórios Odontológicos As orientações tem como único objetivo dificultar a ação dos criminosos. Procedimentos simples podem salvar a sua vida e as dos demais! (o arquivo avançará

Leia mais

TUDO QUE VOCÊ PRECISA PARA SEGURANÇA E COMUNICAÇÃO

TUDO QUE VOCÊ PRECISA PARA SEGURANÇA E COMUNICAÇÃO 5 CONHEÇA OS PRODUTOS QUE A KHRONOS DISTRIBUIDORA OFERECE PARA REVENDEDORES E INSTALADORES COM PREÇOS E CONDIÇÕES EXCLUSIVOS. SÃO EQUIPAMENTOS, ACESSÓRIOS E MUITO MAIS. TODOS COM TECNOLOGIAS DE MARCAS

Leia mais

Proposta de Adequação Tecnológica da Área de Segurança

Proposta de Adequação Tecnológica da Área de Segurança Proposta de Adequação Tecnológica da Área de Segurança 1 Mapeamento dos pilares da Segurança prestada atualmente Serviço de Segurança Patrimonial; Ronda perimetral, muros e cercas; Ronda nas Alamedas;

Leia mais

CAMPINAS: Av.. Orosimbo Maia 985 Cambuí CEP:13023 000 Fone: (19) 32374612 / 32326420 / 32318354

CAMPINAS: Av.. Orosimbo Maia 985 Cambuí CEP:13023 000 Fone: (19) 32374612 / 32326420 / 32318354 CAMPINAS: Av.. Orosimbo Maia 985 Cambuí CEP:13023 000 Fone: (19) 32374612 / 32326420 / 32318354 SOROCABA: Av. Antonio Carlo Comitre Campolim CEP 18047 620 Fones: (15) 33182761 / 33182762 / 33182763 rvasecurity@rvasecurity.com.br

Leia mais

2.2 A Administração do Condomínio dá ênfase às medidas preventivas, assim entendidas as seguintes:

2.2 A Administração do Condomínio dá ênfase às medidas preventivas, assim entendidas as seguintes: Fl. 01 de 06 1 Objetivo A presente Regulamentação Especial visa normalizar os procedimentos para o pessoal incumbido de prevenir ou combater um princípio de incêndio e de atuar em situações de emergência,

Leia mais

CURSO ADMINISTRAÇÃO DE CONDOMÍNIO ESTUDO DIRIGIDO DA LEGISLAÇÃO E QUESTÕES PRÁTICAS

CURSO ADMINISTRAÇÃO DE CONDOMÍNIO ESTUDO DIRIGIDO DA LEGISLAÇÃO E QUESTÕES PRÁTICAS CURSO ADMINISTRAÇÃO DE CONDOMÍNIO ESTUDO DIRIGIDO DA LEGISLAÇÃO E QUESTÕES PRÁTICAS Público alvo: síndicos, condôminos, administradores de condomínio, gerentes de condomínio, advogados e quaisquer pessoas

Leia mais

CONHEÇA A ADT. A empresa que protege seus bens e sua família.

CONHEÇA A ADT. A empresa que protege seus bens e sua família. CONHEÇA A ADT A empresa que protege seus bens e sua família. NOSSA EMPRESA MAIOR EMPRESA ESPECIALIZADA EM SEGURANÇA E INCÊNDIO A ADT pertence à Tyco, a maior empresa de segurança e incêndio do mundo, com

Leia mais

ANEXO I DESCRIÇÃO DOS SERVIÇOS

ANEXO I DESCRIÇÃO DOS SERVIÇOS ANEXO I Concorrência pública Nº 008/2014 Processo n.º DE.01.01.0034/2014 DESCRIÇÃO DOS SERVIÇOS 1. VIGILÂNCIA HUMANA SERVIÇOS DE VIGILÂNCIA VIGILANTE: No Posto de Trabalho serão realizados os seguintes

Leia mais

INFORMATIVO DEZEMBRO/2012

INFORMATIVO DEZEMBRO/2012 INFORMATIVO DEZEMBRO/2012 Caro vizinho/condômino, Chegamos ao final do ano e gostaria de dizer a todos que, apesar das dificuldades e obstáculos que tivemos no início desta gestão, estamos caminhando.

Leia mais

PREVENCÃO AO CRIME ATRAVÉS DO DESENHO URBANO

PREVENCÃO AO CRIME ATRAVÉS DO DESENHO URBANO PREVENCÃO AO CRIME ATRAVÉS DO DESENHO URBANO Crime Prevention Through Environmental Design (CPTED) 1 O que aprendemos na aula passada... PREVENCÃO SITUACIONAL DO CRIME 2 PREVENÇÃO AO CRIME Existem duas

Leia mais

Sumário INSTALAÇÃO DO SIATRON CONDOMÍNIO ATIVAÇÃO DA LICENÇA PRESTADORES DE SERVIÇOS PARÂMETROS DO SISTEMA

Sumário INSTALAÇÃO DO SIATRON CONDOMÍNIO ATIVAÇÃO DA LICENÇA PRESTADORES DE SERVIÇOS PARÂMETROS DO SISTEMA Sumário INSTALAÇÃO DO SIATRON CONDOMÍNIO ATIVAÇÃO DA LICENÇA SIATRON SÍNDICO LOGIN NO SISTEMA FAMÍLIA MORADORES VEÍCULOS FUNÇÃO PÂNICO PRESTADORES DE SERVIÇOS PARÂMETROS DO SISTEMA CONFIGURAÇÕES ACORDA

Leia mais

MO DA SILVA ELÉTRICA CNPJ: 13.892.084/0001-67 Av. Doutor José Rufino Nº 548 Galpão 03 Estância Recife / PE CEP: 50771-600 Fone (81) 3048-3527

MO DA SILVA ELÉTRICA CNPJ: 13.892.084/0001-67 Av. Doutor José Rufino Nº 548 Galpão 03 Estância Recife / PE CEP: 50771-600 Fone (81) 3048-3527 www.mmrinstalacoes.com.br atendimento@mmrinstalacoes.com.br APRESENTAÇÃO A MMR Instalações é uma empresa que preza pelos seus clientes, tendo como principais responsabilidades e metas a qualidade nos serviços

Leia mais

CAPITULO I RECEPÇÃO E CONTROLE DE ENTRADA E SAÍDA

CAPITULO I RECEPÇÃO E CONTROLE DE ENTRADA E SAÍDA CAPITULO I RECEPÇÃO E CONTROLE DE ENTRADA E SAÍDA Art. 1º - Entregas: A entrega de presentes, flores, correspondências (pacotes), cestas comemorativas, etc., que não tenham sido solicitadas ou que não

Leia mais

1. Obedecer fielmente às determinações do síndico e da administradora.

1. Obedecer fielmente às determinações do síndico e da administradora. As atribuições abaixo, são apenas um norte para o Condomínio verificar, quais se aplicam a cada realidade condominial. DESCRIÇÕES DE FUNÇÕES Compete ao Porteiro: 1. Obedecer fielmente às determinações

Leia mais

CONVENÇÃO SECOVI / Proteja sua família e seu patrimônio

CONVENÇÃO SECOVI / Proteja sua família e seu patrimônio CONVENÇÃO SECOVI / 2013 Proteja sua família e seu patrimônio Apresentação do Palestrante: Coronel da Polícia Militar GLAUCO SILVA DE CARVALHO glaucocarvalho@policiamilitar.sp.gov.br Diretor de Polícia

Leia mais

BRIGADA DE INCÊNDIO ORGANIZAÇÃO DA BRIGADA DE INCÊNDIO

BRIGADA DE INCÊNDIO ORGANIZAÇÃO DA BRIGADA DE INCÊNDIO BRIGADA DE INCÊNDIO Brigada de Incêndio: É um grupo organizado de pessoas voluntárias ou não, treinadas e capacitadas para atuarem dentro de uma área previamente estabelecida na prevenção, abandono e combate

Leia mais

Práticas Verdes Para Condomínios

Práticas Verdes Para Condomínios Guia de Práticas Verdes Para Condomínios A economia que faz bem para o seu bolso e para o meio ambiente Com o objetivo de incentivar e disseminar práticas sustentáveis em condomínios, o Secovi Rio criou

Leia mais

Dicas de Segurança II

Dicas de Segurança II Dicas de Segurança II Ao Viajar Casa ou apartamento Não comente sua viagem com pessoas estranhas por perto. Avise a um vizinho de confiança sobre a sua viagem. Se possível, deixe um número de telefone

Leia mais

LOCALIZAÇÃO: PAVIMENTO TÉRREO IDENTIFICAÇÃO ÁREA (M 2 ) CAPACIDADE Auditório 367,23 406

LOCALIZAÇÃO: PAVIMENTO TÉRREO IDENTIFICAÇÃO ÁREA (M 2 ) CAPACIDADE Auditório 367,23 406 INFRA-ESTRUTURA FÍSICA E TECNOLÓGICA As salas de aula da FACULDADE BARRETOS estão aparelhadas para turmas de até 60 (sessenta) alunos, oferecendo todas as condições necessárias para possibilitar o melhor

Leia mais

PLANO DE EMERGÊNCIA EM CASO DE INCÊNDIO PROFESSORES

PLANO DE EMERGÊNCIA EM CASO DE INCÊNDIO PROFESSORES PROFESSORES Competências dos professores Quando os professores se encontram numa sala de aula com um grupo de alunos, devem: 1. Ao ouvir o sinal de alarme, avisar os alunos para não tocarem nos interruptores

Leia mais

Certificado de Registro (Averbação) PORTEIRO segurança de portaria. Fundaçăo BIBLIOTECA NACIONAL MINISTÉRIO DA CULTURA. Educação de Inclusão Social

Certificado de Registro (Averbação) PORTEIRO segurança de portaria. Fundaçăo BIBLIOTECA NACIONAL MINISTÉRIO DA CULTURA. Educação de Inclusão Social JOSÉ VIEIRA CABRAL Certificado de Registro (Averbação) Fundaçăo BIBLIOTECA NACIONAL MINISTÉRIO DA CULTURA PORTEIRO segurança de portaria Educação de Inclusão Social Todos os direitos Reservados do Autor

Leia mais

POLÍCIA MILITAR DE SANTA CATARINA 8º BATALHÃO DE POLÍCIA MILITAR CONDUTAS DE SEGURANÇA

POLÍCIA MILITAR DE SANTA CATARINA 8º BATALHÃO DE POLÍCIA MILITAR CONDUTAS DE SEGURANÇA POLÍCIA MILITAR DE SANTA CATARINA 8º BATALHÃO DE POLÍCIA MILITAR CONDUTAS DE SEGURANÇA INTRODUÇÃO MENSAGEM DO 8º BATALHÃO Sabe-se que a violência é um dos temas mais importantes de nosso tempo e afeta

Leia mais

Proposta de portaria para regulamentar o controle de acesso ao Campus João Pessoa

Proposta de portaria para regulamentar o controle de acesso ao Campus João Pessoa Proposta de portaria para regulamentar o controle de acesso ao Campus João Pessoa Estabelece normas e procedimentos para o controle do acesso de pessoas e de veículos às instalações do IFPB Campus João

Leia mais

Grupo Security Forçan

Grupo Security Forçan 1 - APRESENTAÇÃO DA EMPRESA O Grupo Forçan é uma das empresas com maior aceitação no mercado de terceirização de serviços atuando de forma eficaz e oferecendo serviços de alta qualidade através de mão

Leia mais

Cartilha de Segurança para Casas Lotéricas

Cartilha de Segurança para Casas Lotéricas Cartilha de Segurança para Casas Lotéricas Cartilha de Segurança para Casas Lotéricas A Protege Corretora de Seguros, sem a pretensão de esgotar o assunto, até pela complexidade do mesmo, elaborou este

Leia mais

Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br. Manual de Segurança

Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br. Manual de Segurança Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br Segurança no dia-a-dia Vol. X Manual de Segurança Apresentação N ão há estratégias ou sistemas de segurança intransponíveis. Isso é o que dizem todos os especialistas

Leia mais

ASSUNTO: REGULAMENTA O USO DE ADESIVOS DE IDENTIFICAÇÃO DOS VEÍCULOS DE CONDÔMINOS

ASSUNTO: REGULAMENTA O USO DE ADESIVOS DE IDENTIFICAÇÃO DOS VEÍCULOS DE CONDÔMINOS CIRCULAR Nº 003/2015 Curitiba, 05/06/2015. ASSUNTO: REGULAMENTA O USO DE ADESIVOS DE IDENTIFICAÇÃO DOS VEÍCULOS DE CONDÔMINOS A Síndica do Condomínio Le Jardin Residencial, no uso de suas atribuições legais

Leia mais

SENADO FEDERAL PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 493, DE 2009

SENADO FEDERAL PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 493, DE 2009 SENADO FEDERAL PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 493, DE 2009 Assegura aos empregados de condomínios, prestadores dos serviços de portaria, vigilância e segurança, o adicional de periculosidade previsto no artigo

Leia mais

Orientar sobre práticas de segurança no condomínio? Conta comigo!

Orientar sobre práticas de segurança no condomínio? Conta comigo! Orientar sobre práticas de segurança no condomínio? Conta comigo! Segurança no condomínio Conheça algumas dicas para promover a cultura de segurança em seu condomínio. Todos têm um papel importante para

Leia mais

Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br. Manual de Segurança

Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br. Manual de Segurança Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br Transporte de Carga Vol. IX Manual de Segurança Apresentação A tualmente, cerca de 63% das cargas que circulam pelo País são transportadas por vias rodoviárias.

Leia mais

REGULAMENTO. Condomínio Destaque por Excelência 2014

REGULAMENTO. Condomínio Destaque por Excelência 2014 REGULAMENTO Condomínio Destaque por Excelência 2014 SECOVI-SC Sindicato das Empresas de Compra, Venda, Locação e Administração de Imóveis e dos Condomínios Residenciais e Comerciais de Santa Catarina,

Leia mais

É um conjunto de medidas, capazes de gerar um estado, no qual os interesses vitais de uma empresa estejam livres de interferências e perturbações

É um conjunto de medidas, capazes de gerar um estado, no qual os interesses vitais de uma empresa estejam livres de interferências e perturbações PRINCÍPIOS BÁSICOS E FUNDAMENTAIS DE SEGURANÇA PATRIMONIAL Conceitos: Segurança: E uma sensação na qual a pessoa ou empresa emprega recursos humanos capacitados agregando a isso o uso de equipamentos específicos

Leia mais

AUDITORIA DE DIAGNÓSTICO

AUDITORIA DE DIAGNÓSTICO 1.1 POLíTICA AMBIENTAL 1.1 - Política Ambiental - Como está estabelecida e documentada a política e os objetivos e metas ambientais dentro da organização? - A política é apropriada à natureza e impactos

Leia mais

Informação para Visitantes

Informação para Visitantes Informação para Visitantes Informação e orientações para visitantes Bem-vindo ao Laboratório Nacional de Engenharia Civil (LNEC), um instituto público de investigação, dedicado à ciência e tecnologia,

Leia mais

Agilizando o processo de compras para aumentar a eficiência e comprar melhor

Agilizando o processo de compras para aumentar a eficiência e comprar melhor Agilizando o processo de compras para aumentar a eficiência e comprar melhor Toda empresa privada deseja gerar lucro e para que chegue com sucesso ao final do mês ela precisa vender, sejam seus serviços

Leia mais

O Policiamento Comunitário como Mecanismo de Promoção da Cidadania no Rio de Janeiro

O Policiamento Comunitário como Mecanismo de Promoção da Cidadania no Rio de Janeiro O Policiamento Comunitário como Mecanismo de Promoção da Cidadania no Rio de Janeiro Aluno: Gabriel Ferreira de Carvalho gabriel_fc.90@hotmail.com Orientador: Dr. Augusto César Pinheiro da Silva augustoc@puc-rio.br

Leia mais

Programa 5S s UDESC/CCT/GQL

Programa 5S s UDESC/CCT/GQL Programa 5S s UDESC/CCT/GQL Prof. Alan Schmitt 1 Estágios de LIMPEZA Limpeza pode ser entendida como inspeção, para encontrar e eliminar problemas que possam se apresentar Limpeza Geral Limpar tudo Varrer

Leia mais

MEDIDAS DE PREVENÇÃO E AUTOPROTECÇÃO

MEDIDAS DE PREVENÇÃO E AUTOPROTECÇÃO MEDIDAS DE PREVENÇÃO E AUTOPROTECÇÃO Os sismos são fenómenos naturais que não se podem prever nem evitar. Os seus efeitos podem ser minimizados com comportamentos adequados. Há que saber agir correctamente.

Leia mais

Política de Segurança da Informação

Política de Segurança da Informação Política de Segurança da Informação O bem mais importante que as empresas possuem, sem dúvida, são as informações gerenciais, sendo muito importantes para a tomada de decisões. Com o crescimento da internet

Leia mais

SEGURANÇA EM TERCEIRIZAÇÃO

SEGURANÇA EM TERCEIRIZAÇÃO SEGURANÇA EM TERCEIRIZAÇÃO Empresa Atuando em todos os seguimentos empresariais, através de equipes de profissionais treinados, executamos os mais variados tipos de trabalho, fornecendo desde a mão de

Leia mais

SISTEMA GLOBAL DE SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIO. firesafetybrasil@gmail.com

SISTEMA GLOBAL DE SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIO. firesafetybrasil@gmail.com SISTEMA GLOBAL DE SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIO firesafetybrasil@gmail.com RELAÇÃO ENTRE OS FATORES CONDICIONANTES DE RISCO E AS DISTINTAS CATEGORIAS DE RISCO RELAÇÃO DE INTERDEPENDÊNCIA ENTRE AS CINCO CATEGORIAS

Leia mais

GT COFRE VIA GSM GT COFRE VIA SATÉLITE ABERTURA E TRAVAMENTO DE PORTAS E COFRES

GT COFRE VIA GSM GT COFRE VIA SATÉLITE ABERTURA E TRAVAMENTO DE PORTAS E COFRES GT COFRE VIA GSM GT COFRE VIA SATÉLITE ABERTURA E TRAVAMENTO DE PORTAS E COFRES O GT COFRE é um equipamento wireless com transmissão via satélite e GSM, que executa a função de recepção e transmissão de

Leia mais

Fusão Tecnologia. Apresentação da Empresa e Soluções. www.fusaotecnologia.com.br

Fusão Tecnologia. Apresentação da Empresa e Soluções. www.fusaotecnologia.com.br Fusão Tecnologia Apresentação da Empresa e Soluções APRESENTAÇÃO DA EMPRESA Quem Somos: A Fusão Tecnologia é uma empresa TI, especializada em soluções de infraestrutura Etapa em 2 tecnologia nas áreas

Leia mais

Para uma maior agilidade no atendimento, tenha as seguintes informações em mãos:

Para uma maior agilidade no atendimento, tenha as seguintes informações em mãos: CARO SEGURADO, A MITSUI SUMITOMO SEGUROS oferece inúmeras facilidades, vantagens e serviços aos Segurados. Para usufruir das vantagens e serviços aqui relacionados, ligue para a Central de Atendimento.

Leia mais

Automatização de Portões. Destaques da Linha. Portões deslizantes. Moto Redutor. Portões Pivotantes. Portões Basculantes.

Automatização de Portões. Destaques da Linha. Portões deslizantes. Moto Redutor. Portões Pivotantes. Portões Basculantes. Portões deslizantes Moto Redutor Portões Pivotantes Portões Basculantes Acessórios Automatização de Portões Destaques da Linha Motor NXT - R (p. 86) Automatização de Portões Os automatizadores de portão

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa RESOLUÇÃO DE MESA N.º 806/2007. (publicada no DOE nº 236, de 13 de dezembro de 2007) Dispõe sobre o Programa de Gerenciamento

Leia mais

DICAS SEGURANÇA. Sindicato do Comércio Varejista de Anápolis

DICAS SEGURANÇA. Sindicato do Comércio Varejista de Anápolis DICAS SEGURANÇA NA NA SUA VIDA, NO NO SEU SEU COMÉRCIO Não seja uma vítima fácil. Seja um fiscal da lei. Todos sabem que nossos comportamentos influenciam o meio em que vivemos. E em questão de Segurança

Leia mais

Software Solid Config

Software Solid Config Software Solid Config O Software Solid Config é um Software Gerenciador de Controle de Acesso de Pessoas e Veículos que tem como principais características: + Cadastro ilimitado de Pessoas e/ou Veículos

Leia mais

Prof. José Maurício S. Pinheiro - UGB - 2009

Prof. José Maurício S. Pinheiro - UGB - 2009 Auditoria e Análise de Segurança da Informação Segurança Física e Lógica Prof. José Maurício S. Pinheiro - UGB - 2009 Segurança Física e Segurança Lógica da Informação 2 Segurança Física A segurança física

Leia mais

CONDOMÍNIO EDIFÍCIO SAMIRA

CONDOMÍNIO EDIFÍCIO SAMIRA APRESENTAÇÃO PARA DECISÕES DA ASSEMBLÉIA DE 22/11/2014 EQUIPE: EDSON NEWTON PACHECO REGINA ZEZINHO VISÃO DO TRABALHO: 1 - ATENDER ÀS DIREÇÕES DO PERITO; 2 - ATENDER À LEGISLAÇÃO MUNICIPAL E ESTADUAL; 3

Leia mais

Como fazer. networking. Um guia prático e fácil para um networking efetivo.

Como fazer. networking. Um guia prático e fácil para um networking efetivo. Como fazer networking Um guia prático e fácil para um networking efetivo. Este whitepaper é para... Em um evento de determinado setor (e aqui estamos falando do nosso, a rede de moda!), todos os participantes

Leia mais

O que fazer em caso de sismo

O que fazer em caso de sismo www.aterratreme.pt O que fazer em caso de sismo Todos os anos se realiza o exercício de prevenção de risco sísmico A Terra Treme, pois é importante relembrar as regras básicas de segurança incluindo alguns

Leia mais

Aos 21 de Janeiro de 2015, Macau. Polícia Judiciária

Aos 21 de Janeiro de 2015, Macau. Polícia Judiciária Comunicado A PJ realizou a Palestra de Formação sobre Conhecimentos de Prevenção Criminal na Área da Habitação e a cerimónia de entrega de prémios relativos ao questionário Conhecimentos sobre Prevenção

Leia mais

existência de sensores de presença nos andares existência de sistema de câmeras existência de sistema de alarmes posicionamento das câmeras é adequado

existência de sensores de presença nos andares existência de sistema de câmeras existência de sistema de alarmes posicionamento das câmeras é adequado existência de sensores de presença nos andares existência de sistema de câmeras existência de sistema de alarmes posicionamento das câmeras é adequado posicionamento dos alarmes é adequado existem áreas

Leia mais