INSTRUÇÕES DE PREENCHIMENTO ANÁLISE TÉCNICA DE PROJETO CRÉDITO IMOBILIÁRIO BB

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "INSTRUÇÕES DE PREENCHIMENTO ANÁLISE TÉCNICA DE PROJETO CRÉDITO IMOBILIÁRIO BB"

Transcrição

1 INSTRUÇÕES DE PREENCHIMENTO ANÁLISE TÉCNICA DE PROJETO CRÉDITO IMOBILIÁRIO BB MODELO É obrigatório o uso de modelo apropriado para cada tipo de empreendimento ou serviço contratado. Utilizar os formulários: - Análise Técnica de Projeto Empreendimento Vertical Crédito Imobiliário BB; - Análise Técnica de Projeto Empreendimento Horizontal Crédito Imobiliário BB. Os formulário estão disponíveis no site - outros sites > Compras, Contratações e Venda de Imóveis > Compras e Contratações > Downloads. REGRAS GERAIS DE PREENCHIMENTO - Os campos que pedem descrições/observações devem ser preenchidos de forma sucinta e objetiva. - Caso o espaço no formulário não seja suficiente, inserir linhas e ampliar as tabelas a fim de contemplar todas as informações necessárias, alterando as fórmulas de totais quando for o caso. - A presente instrução não contempla os campos autoeplicativos. FUNDAMENTAÇÃO DAS INFORMAÇÕES - As informações a serem preenchidas nos relatórios de Análise Técnica de Projeto, devem ser fundamentadas nas documentações disponibilizadas e nas observações registradas na vistoria do empreendimento, realizada pelo engenheiro responsável pela atividade. - Todas as ocorrências, divergências, itens valorizantes ou desvalorizantes verificados, devem ser informados nos campos informações relevantes pertinentes. ANÁLISE TÉCNICA DE PROJETO INFORMAÇÕES GERAIS DO RELATÓRIO - Informar o número e data do relatório e número e data da O.S. conforme informações constantes na ordem de serviço. - Tipo de relatório: selecionar o tipo de relatório a ser elaborado conforme o serviço contratado e informado na ordem de serviço. Item 3 - OBJETIVO DO TRABALHO - Selecionar os objetivos do trabalho conforme o caso, observando: Objetivo/Tipo de relatório ATP CI EMP ATP CI EMP - 1ª Etapa ATP CI EMP - 2ª Etapa Valor mercado terreno Valor mercado unidades Análise custo e cronograma Análise projeto quanto aos requisitos do PMCMV Item 4 - CARACTERÍSTICAS DO EMPREENDIMENTO Utilizar modelo apropriado conforme o tipo de empreendimento, vertical ou horizontal. 1/1

2 a. Empreendimento Vertical Planilha 4.3 Torres - Devem ser relacionadas todas as torres que compõem o empreendimento. - A planilha está automatizada para realizar o somatório de cada coluna na linha Totais. empreendimento. Se possível utilizar a mesma nomenclatura usada pelo empreendedor. - Quantidade de pavimentos informar o número total de pavimentos de cada torre. - Quantidade de apartamentos informar a quantidade total de apartamentos em cada torre. - Quantidade de salas comerciais informar a quantidade total de salas comerciais em cada torre. - Quantidade de lojas informar a quantidade total de lojas em cada torre. - Quantidade de pavimentos corridos informar a quantidade de pavimentos corridos em cada torre. - Quantidade de vagas informar a quantidade total de vagas de garagem em cada torre. - Quantidade de elevadores informar a quantidade total de elevadores em cada torre. - Distribuição dos Pavimentos informar a quantidade e tipos de pavimentos de cada torre (E.: 02 subsolos de vagas de garagem, 01 térreo, 15 pavimentos tipo com XX apartamentos de 02 quartos, 01 cobertura). Planilha 4.4 Unidades - Devem ser relacionados todos os tipos de unidades por torre do empreendimento. - A planilha está automatizada para realizar o somatório da linha Subtotal da torre e Totais. Obs. Importante: O modelo está preparado para duas torres. Caso haja mais de duas, alterar a fórmula dos totais. empreendimento. deve coincidir com o informado no item Tipos de unidades caracterizar cada tipo diferenciado de unidade eistente na torre (E.: apto.02 quartos, apto. 03 quartos, etc).. - Qtde. de cada tipo informar a quantidade de unidades da mesma tipologia por torre. - Vagas por unidade informar o número de vagas de garagem vinculadas a uma unidade de cada tipologia. - Divisão interna descrever a divisão interna de uma unidade de cada tipologia (E.: sala de estar, sala de jantar, lavabo, escritório, 4 quartos sendo 2 suíte, 1 banheiro, cozinha, DCE, circulação). b. Empreendimento Horizontal Planilha 4.3 Unidades - Devem ser relacionados todos os tipos de unidades do empreendimento. - A planilha está automatizada para realizar o somatório da linha Totais. - Designação da tipologia informar o nome ou número de cada tipologia de unidade que compõe o empreendimento. Se possível utilizar a mesma nomenclatura usada pelo empreendedor. - Descrição da tipologia caracterizar cada tipo de unidade eistente (E.: casa geminada, casa isolada, etc). - Qtde.da tipologia informar a quantidade de unidades da mesma tipologia. - Nº de pavimentos informar o número de pavimentos de uma unidade da tipologia. - Vagas por unidade informar o número de vagas de garagem vinculadas a uma unidade de cada tipologia. - Divisão interna descrever a divisão interna de uma unidade de cada tipologia (E.: sala de estar, sala de jantar, lavabo, escritório, 4 quartos sendo 2 suíte, 1 banheiro, cozinha, DCE, circulação). 2/2

3 Item 7 - FECHAMENTO DA AVALIAÇÃO DO TERRENO Resultado da avaliação - Valor de mercado (R$) informar o valor de mercado do terreno definido a partir do tratamento dos dados pesquisados, observado o intervalo de confiança/campo de arbítrio. Deve ser informado no formato R$ 0,00 e por etenso, com os arredondamentos conforme prática do mercado, observando os parâmetros da NBR influenciar e eplicar a formação do valor. Observação: é obrigatório apresentar como aneo, a memória de cálculo do trabalho. Item 8 - FECHAMENTO DA AVALIAÇÃO DAS UNIDADES RESIDENCIAIS E COMERCIAIS, CONSIDERANDO AS OBRAS CONCLUÍDAS Empreendimento Vertical Planilha 8.1 Resultado da avaliação - Inserir linhas de forma a relacionar todas as unidades residenciais, comerciais, vagas de garagens autônomas, escaninhos, etc. - A planilha está automatizada para realizar o somatório da linha VGV Total. empreendimento. deve coincidir com o informado no item Identificação da unidade informar a identificação de cada unidade da torre (EX.: apto. 101, sala 20, loja 3, etc). - Fração ideal do terreno (%) informar a fração ideal de cada unidade, em percentual. - Valor da fração ideal (R$) informar o valor em reais, da fração ideal de terreno para cada unidade. O preenchimento será automático a partir do preenchimento da fração ideal e do valor de mercado do terreno. - Áreas da unidade (m²) Privativa principal e Real Total assinalar e informar qual a área utilizada no cálculo do valor de mercado da unidade, privativa principal ou real total. - Valor unitário da unidade (R$/m²) informar o valor unitário adotado no cálculo do valor de mercado de cada unidade. - Valor de mercado da unidade (R$) informar o valor de mercado adotado para cada unidade (área da unidade valor unitário). Obs.: Arredondar o valor como prática de mercado e NBR influenciar e eplicar a formação do valor. Observação: é obrigatório apresentar como aneo, a memória de cálculo do trabalho. Empreendimento Horizontal Planilha 8.1 Resultado da avaliação - Inserir linhas de forma a relacionar todas as unidades residenciais, comerciais, vagas de garagens autônomas, escaninhos, etc. - A planilha está automatizada para realizar o somatório da linha VGV Total. - Designação da tipologia informar o nome ou número de cada tipologia que compõe o empreendimento. deve coincidir com o informado no item Identificação da unidade informar a identificação de cada unidade do empreendimento. - Fração ideal do terreno (%) informar a fração ideal de cada unidade, em percentual. - Valor da fração ideal (R$) informar o valor em reais, da fração ideal de terreno para cada unidade. O preenchimento será automático a partir do preenchimento da fração ideal e do valor de mercado do terreno. - Área da unidade (m²) Privativa principal e Real Total assinalar e informar qual a área utilizada no cálculo do valor de mercado da unidade, privativa principal ou real total. 3/3

4 - Valor unitário da unidade (R$/m²) informar o valor unitário adotado no cálculo do valor de mercado de cada unidade. - Valor de mercado da unidade (R$) informar o valor de mercado adotado para cada unidade (área da unidade valor unitário). Obs.: Arredondar o valor como prática de mercado e NBR influenciar e eplicar a formação do valor. Observação: é obrigatório apresentar como aneo, a memória de cálculo do trabalho. Item 10 - ANÁLISE DO PROJETO - No campo O empreendimento será eecutado utilizando-se sistemas ou materiais construtivos inovadores certificados pelos institutos técnicos competentes - se a resposta selecionada for sim, relacionar os certificados apresentados e qual a instituição responsável pela certificação. Item 11 - ANÁLISE DE CUSTOS E DO CRONOGRAMA FÍSICO-FINANCEIRO - Prazo de eecução das obras informar o prazo de obra a ser financiado, em meses. Planilha 11.1 Tabela Resumo - A tabela deverá ser preenchida considerando os orçamentos na forma disponibilizada pelo Banco. - Custos totais sem BDI (R$) Apresentado e Obtido preencher os campos abertos da tabela para habitação, equipamentos de uso comum e infraestrutura, informando os custos totais apresentados pelo proponente e os custos totais obtidos na análise. A coluna total está automatiza para realizar o somatório. - BDI informado (%) preencher com o valor do BDI informado pelo proponente, em percentual. Obras já eecutadas (se for o caso) - % total eecutado estimado em relação ao custo total apresentado indique a posição percentual estimada de obras eecutadas conforme observado na vistoria ao empreendimento. Item 15 - ANEXOS - Selecionar os aneos que farão parte do relatório conforme planilha abaio: Aneos/Tipo de relatório ATP CI EMP ATP CI EMP ATP CI EMP 2ª 1ª Etapa Etapa Fotografias do terreno Fotografias de eventuais obras eecutadas Fotografias do logradouro/vizinhança Fotografias dos dados amostrais Documentação relacionado no item 9 ART Fichas de pesquisa para o terreno Fichas de pesquisa para cada tipo de unidade Mapa de localização do avaliando e elementos amostrais Memórias de cálculo de avaliação Memórias de cálculo para análise de custo e cronograma 4/4

5 FICHA DE PESQUISA - A pesquisa deve conter, no mínimo, 05 dados similares ao imóvel avaliando, com sua respectiva fotografia. É importante que a pesquisa contemple dados de novos lançamentos que estejam ocorrendo na microrregião, semelhantes ao avaliando. - A pesquisa deve ser realizada no mercado imobiliário onde está inserido o avaliando, isto é, na mesma microrregião ou bairro. - É necessário informar o nome e telefone do informante de cada dado pesquisado. Sempre que possível informar também o e site. - Deve ser utilizado o modelo de ficha de pesquisa adequado para terreno, apartamento, casa ou unidades comerciais. - Não serão aceitas imagens dos elementos amostrais obtidas em anúncios na Internet. 5/5

MANUAL DE PREENCHIMENTO

MANUAL DE PREENCHIMENTO MANUAL DE PREENCHIMENTO - ORÇAMENTOS - CRONOGRAMAS - PLANILHA DE LEVANTAMENTO DE SERVIÇOS - PLS - RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DO EMPREENDIMENTO - RAE CRÉDITO IMOBILIÁRIO - FINANCIAMENTO À PRODUÇÃO PESSOA

Leia mais

BANCO DO BRASIL S.A.

BANCO DO BRASIL S.A. BANCO DO BRASIL S.A. MANUAL DE PREENCHIMENTO: - ORÇAMENTO - ORÇAMENTO - CRONOGRAMA FÍSICO-FINANCEIRO - PLANILHA DE LEVANTAMENTO DE SERVIÇOS (PLS) 2 ÍNDICE: I - INTRODUÇÃO:...4 II - FLUXO ENGENHARIA CENOP

Leia mais

LAUDO DE AVALIAÇÃO SIMPLIFICADO. ESTADO: Rio Verde USO PREDOMINANTE INFRA ESTRUTURA URBANA SERVIÇOS PÚBLICOS COMUNITÁRIOS

LAUDO DE AVALIAÇÃO SIMPLIFICADO. ESTADO: Rio Verde USO PREDOMINANTE INFRA ESTRUTURA URBANA SERVIÇOS PÚBLICOS COMUNITÁRIOS 1 - SOLICITANTE: CPF: Beatriz Carlos Fernandes 038.777.631-11 2- IDENTIFICAÇÃO DO BEM OBJETO DE AVALIAÇÃO ENDEREÇO: Nº. COMPL. BAIRRO: Rua Jacaranda Qd. 11 lt 237 Res. Gameleira CIDADE: ESTADO: Rio Verde

Leia mais

Manual Prático de Cadastramento Imóveis CADASTRAMENTO DE IMÓVEIS; Acesse o site www.imobiliariacanale.com.br Clique Intranet

Manual Prático de Cadastramento Imóveis CADASTRAMENTO DE IMÓVEIS; Acesse o site www.imobiliariacanale.com.br Clique Intranet CADASTRAMENTO DE IMÓVEIS; Acesse o site www.imobiliariacanale.com.br Clique Intranet Na tela de login entre com Usuário e Senha Página 1 Na lateral esquerda clicar em Imóveis e depois opção Incluir Na

Leia mais

AVALIAÇÃO DE TERRENO URBANO PELO MÉTODO INVOLUTIVO VERTICAL

AVALIAÇÃO DE TERRENO URBANO PELO MÉTODO INVOLUTIVO VERTICAL AVALIAÇÃO DE TERRENO URBANO PELO MÉTODO INVOLUTIVO VERTICAL RESUMO Guilherme Boeira Michels (1), Evelise Chemale Zancan (2) UNESC Universidade do Extremo Sul Catarinense (1)boeira1693@hotmail.com,(2) ecz@unesc.net

Leia mais

Roteiro para apresentação do laudo de avaliação Imóveis Urbanos

Roteiro para apresentação do laudo de avaliação Imóveis Urbanos Roteiro para apresentação do laudo de avaliação Imóveis Urbanos O roteiro a seguir, desenvolvido pela empresa Pelli Sistemas Engenharia, tem como objetivo esclarecer dúvidas a respeito da elaboração do

Leia mais

Análise de Viabilidade de Empreendimentos Habitacionais Programa Minha Casa Minha Vida

Análise de Viabilidade de Empreendimentos Habitacionais Programa Minha Casa Minha Vida Análise de Viabilidade de Empreendimentos Habitacionais Programa Minha Casa Minha Vida APRESENTAÇÃO 9h00 até 9h30: Abertura 9h30 até 11h15: Critérios gerais de análise técnica 11h15 até 11h30: Coffee-break

Leia mais

Métodos Involutivos. Involutivo Vertical

Métodos Involutivos. Involutivo Vertical Métodos Involutivos Involutivo Vertical AVALIAÇÕES PELO MÉTODO INVOLUTIVO Apresentação de aspectos práticos na aplicação do Método Involutivo, incluindo o Método Involutivo Vertical, limitações e evolução

Leia mais

CREDENCIAMENTO Nº 2014/12284 (7421) Errata

CREDENCIAMENTO Nº 2014/12284 (7421) Errata CREDENCIAMENTO Nº 2014/12284 (7421) Errata OBJETO: Credenciamento de empresas que cumpram as exigências de habilitação, visando à contratação de serviços técnicos profissionais de engenharia e/ou arquitetura,

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO DAS UNIDADES AUTONOMAS

MEMORIAL DESCRITIVO DAS UNIDADES AUTONOMAS MEMORIAL DESCRITIVO DAS UNIDADES AUTONOMAS Memorial descritivo das unidades privativas do Edifício SPAZIO DI ACÁCIA a ser edificado na Rua Rui Barbosa esquina com Rua São João, bairro São Presidente Médice

Leia mais

RESIDENCIAL CENTRAL PARK RIO VERDE

RESIDENCIAL CENTRAL PARK RIO VERDE MEMORIAL DE INCORPORAÇÃO 01 - SITUAÇÃO O empreendimento, situar-seá Avenida I (Direita), Quadra 12, Lotes 04, 05 e 06, Parque dos Buritis e Rua Onze, Quadra 01, Lote 14, Parque Solar do Agreste, Gleba

Leia mais

DLR AVALIAÇÃO PARA GARANTIA DE FINANCIAMENTO RGI N.º: 1 - Identificação: Mutuário Contrato Moradores Banco Itaú S/A SIM x NÃO Endereço completo do imóvel Número Complemento Alameda Jurupis - "Condominium

Leia mais

Piemonte no Centro de Florianópolis

Piemonte no Centro de Florianópolis no Centro de Florianópolis Construção a preço de custo Terreno Imagem de satélite Endereço: Rua Crispim Mira, 405, Bairro Centro, Florianópolis, SC. Terreno Av. Rio Branco Igreja Universal Av. Hercílio

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA FORMAÇÃO DO BANCO DE DADOS DE IMÓVEIS, FUNCIONAMENTO E PREENCHIMENTO DE INFORMAÇÕES NO SIMILCRED 1.8d RJ

ORIENTAÇÕES PARA FORMAÇÃO DO BANCO DE DADOS DE IMÓVEIS, FUNCIONAMENTO E PREENCHIMENTO DE INFORMAÇÕES NO SIMILCRED 1.8d RJ ORIENTAÇÕES PARA FORMAÇÃO DO BANCO DE DADOS DE IMÓVEIS, FUNCIONAMENTO E PREENCHIMENTO DE INFORMAÇÕES NO SIMILCRED 1.8d RJ 1 FUNCIONAMENTO DO SIMIL 1.1 Pastas e arquivos 1.1.1 O aplicativo SimilCred.exe

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR - SESu DIRETORIA DE DESENVOLVIMENTO DAS INST. FEDERAIS DE ENSINO SUPERIOR -DIFES COORDENAÇÃO GERAL DE PLANEJAMENTO E ORÇAMENTO - CGPO - SIMEC - SISTEMA

Leia mais

CONCESSÃO DE VIABILIDADE TÉCNICA PARA NOVOS EMPREENDIMENTOS ENG.006.03.2015

CONCESSÃO DE VIABILIDADE TÉCNICA PARA NOVOS EMPREENDIMENTOS ENG.006.03.2015 CONCESSÃO DE VIABILIDADE TÉCNICA PARA NOVOS EMPREENDIMENTOS ENG.006.03.2015 OBJETIVO Estabelecer as regras e procedimentos para concessão de viabilidade técnica, aprovação de projetos e acompanhamento

Leia mais

Prepare os seus sentidos IMPLANTAÇÃO E PLANTAS EMARKI CONSTRUÇÃO E INCORPORAÇÃO - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

Prepare os seus sentidos IMPLANTAÇÃO E PLANTAS EMARKI CONSTRUÇÃO E INCORPORAÇÃO - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. Prepare os seus sentidos IMPLANTAÇÃO E PLANTAS 3 A qui sua vida ganha um novo Sentido BLOCOS A - D - G 3 Suítes - Finais 1-3-4-6 2 Quartos - Finais 2 e 5 BLOCO B BLOCO C BLOCO A BLOCOS B -E - F 2 Suítes

Leia mais

4.2 MODELOS MATEMÁTICOS PARA A ANÁLISE DE INVESTIMENTOS

4.2 MODELOS MATEMÁTICOS PARA A ANÁLISE DE INVESTIMENTOS 4 PLANILHA ELETRÔNICA 4.1 CONTEXTO O Capítulo 3 tratou do método de pesquisa utilizado, as etapas e as estratégias adotadas neste trabalho. Neste capítulo, discorre-se sobre a planilha eletrônica desenvolvida

Leia mais

CUB e Preço de Venda

CUB e Preço de Venda CUB e Preço de Venda Histórico do CUB: O CUB Custo Unitário Básico tem amparo na Lei 4.591 de 16 de dezembro de 1964, que dispõe sobre as incorporações imobiliárias. Com amparo nesta Lei, surgiu em 1965

Leia mais

A vida que só a Barra tem. O estilo que só o Barra Exclusive pode oferecer.

A vida que só a Barra tem. O estilo que só o Barra Exclusive pode oferecer. A vida que só a Barra tem. O estilo que só o Barra Exclusive pode oferecer. Fachada O Open Space da ARC com conforto e inteligência na divisão dos espaços: feito para você. Projeto de Antônio Caramelo

Leia mais

INSERIR LOGOMARCA DA INSTITUIÇÃO PROPONENTE INSERIR O TÍTULO DO PROJETO

INSERIR LOGOMARCA DA INSTITUIÇÃO PROPONENTE INSERIR O TÍTULO DO PROJETO INSERIR LOGOMARCA DA INSTITUIÇÃO PROPONENTE INSERIR O TÍTULO DO PROJETO O título do projeto deve delimitar a área de abrangência onde as ações serão executadas. Setembro, 2014 1 SUMÁRIO 1. DADOS GERAIS

Leia mais

1º pavimento - Plantas humanizadas

1º pavimento - Plantas humanizadas 1º pavimento - Plantas humanizadas 1o pavimento - 2 quartos 260 290 329 329 1o pavimento - 3 quartos Opção: cozinha americana Apartamento 2 s - 56,30 m 2 Planta referente às unidades de 2 quartos do 1º

Leia mais

Inserir Foto da Fachada

Inserir Foto da Fachada DLR LAUDO DE AVALIAÇÃO TIPOLOGIA: X APTO. CASA TERRENO OUTRO: ENDEREÇO (n.º / compl. / cidade / UF): Rua Calogero Calia, 150 - Apto 201 (duplex) - Condomínio Tranquilitá - Saúde - São Paulo SOLICITANTE:

Leia mais

IDEAL PARA VIVER OU INVESTIR. www.pauloferes.com.br

IDEAL PARA VIVER OU INVESTIR. www.pauloferes.com.br IDEAL PARA VIVER OU INVESTIR A Paulo Feres Construções é uma empresa familiar com mais de 20 anos de tradição. Desde 1984 constrói edifícios residenciais com capital próprio e conta com a mesma equipe

Leia mais

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO Rua Dr. Gerônimo Monteiro Lopes, 373, 383, 389 e 393 (Antiga Rua Projetada, 5 Lotes 230, 231 e 232) Vila São Francisco Registro / SP Conselho do Patrimônio Imobiliário 1. VALOR

Leia mais

Construção e Comercialização

Construção e Comercialização 1 Construção e Comercialização Esta pesquisa fornece informações sobre o mercado de imóveis novos - construídos para vender. São apurados, mensalmente, os preços de oferta para venda à vista, a quantidade

Leia mais

IDEAL PARA VIVER OU INVESTIR. www.pauloferes.com.br

IDEAL PARA VIVER OU INVESTIR. www.pauloferes.com.br IDEAL PARA VIVER OU INVESTIR A Paulo Feres Construções é uma empresa familiar com mais de 20 anos de tradição. Desde 1984 constrói edifícios residenciais com capital próprio e conta com a mesma equipe

Leia mais

PROGRAMA PETROBRAS CULTURAL FESTIVAIS E DIFUSÃO ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS

PROGRAMA PETROBRAS CULTURAL FESTIVAIS E DIFUSÃO ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS PROGRAMA PETROBRAS CULTURAL FESTIVAIS E DIFUSÃO ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS Este documento contém um pequeno descritivo do conteúdo que deve ser inserido em cada um dos campos do formulário de

Leia mais

GRANDES ETAPAS DO TRABALHO SOCIAL

GRANDES ETAPAS DO TRABALHO SOCIAL TRABALHO SOCIAL GRANDES ETAPAS DO TRABALHO SOCIAL Parceria com o Município Parecer de Demanda Cadastramento (Procedimentos) Seleção IN DIFC Nº 32/2013 Agente Financeiro Sorteio/escolha da unidade habitacional

Leia mais

Kauai - Bahia. Ficha Técnica. Rua do Cisne Branco, s/nº - Praça da Igreja de São Francisco - Praia do Forte - Mata de São João - Bahia - Brasil

Kauai - Bahia. Ficha Técnica. Rua do Cisne Branco, s/nº - Praça da Igreja de São Francisco - Praia do Forte - Mata de São João - Bahia - Brasil Ficha Técnica Kauai - Bahia Ficha Técnica Área do terreno Endereço 2.520m² Rua do Cisne Branco, s/nº - Praça da Igreja de São Francisco - Praia do Forte - Mata de São João - Bahia - Brasil Torre Pavimentos

Leia mais

ABNT NBR 12.721:2006 AVALIAÇÃO DE CUSTOS UNITÁRIOS DE CONSTRUÇÃO PARA INCORPORAÇÃO IMIBILIÁRIA E OUTRAS DISPOSIÇÕES PARA CONDOMÍNIOS EDIFÍCIOS

ABNT NBR 12.721:2006 AVALIAÇÃO DE CUSTOS UNITÁRIOS DE CONSTRUÇÃO PARA INCORPORAÇÃO IMIBILIÁRIA E OUTRAS DISPOSIÇÕES PARA CONDOMÍNIOS EDIFÍCIOS ABNT NBR 12.721:2006 AVALIAÇÃO DE CUSTOS UNITÁRIOS DE CONSTRUÇÃO PARA INCORPORAÇÃO IMIBILIÁRIA E OUTRAS DISPOSIÇÕES PARA CONDOMÍNIOS EDIFÍCIOS NBR 12.721 OBJETIVO Esta Norma estabelece os critérios para

Leia mais

MEMORIAL DE INCORPORAÇÃO

MEMORIAL DE INCORPORAÇÃO MEMORIAL DE INCORPORAÇÃO (Art 2º do Decreto 55.815, de 8 / 3 / 65) 1. Localização e Identificação Um terreno situado na Rua Maestro Lisboa s/n, Urucunema - Eusébio, e que é objeto da matrícula nº 623,

Leia mais

Análise do Laudo de Avaliação do Ed. Santa Clara

Análise do Laudo de Avaliação do Ed. Santa Clara Análise do Laudo de Avaliação do Ed. Santa Clara Objeto da análise: Laudo de Avaliação n 0 7128.7128.632314/2012.01.01.01 SEQ.002 Autor do laudo: Eng. Denis Francisco Lunardi. Solicitante do laudo: Caixa

Leia mais

PARECER TÉCNICO DE AVALIAÇÃO MERCADOLÓGICA

PARECER TÉCNICO DE AVALIAÇÃO MERCADOLÓGICA fls. 127 EXCELENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR JUÍZ DE DIREITO DA 3ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE GUARUJÁ/SP. Processo : 1009914-96.2014.8.26.0223 Cartório : 3º Vara Cível Requerente : Carlos Novaes Guimaraes Requerido

Leia mais

PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: CONSTRUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO

PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: CONSTRUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: CONSTRUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO Novembro de 2009 APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Esta pesquisa é realizada pela Fundação IPEAD/UFMG com o apoio da Prefeitura Municipal

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 6602/2004-8 Ano Orçamento: 2003 UF: SP Nome do PT: Obtenção de Próprios Nacionais Residenciais

Leia mais

Planilha de Controle e Registro Comentada Instruções

Planilha de Controle e Registro Comentada Instruções PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE SECRETARIA MUNICIPAL DE BRAS E VIAÇÃO SUPERVISÃO DE EDIFICAÇÕES E CONTROLE Planilha de Controle e Registro Comentada Instruções A Planilha de Controle e Registro é

Leia mais

Projeto de arquitetura:

Projeto de arquitetura: Registro de Incorporação R.02 - Matrícula 37468 - Registro de Imóveis 4ª Zona Projeto de arquitetura: Em atenção à Lei 8.078/90, esclarecemos que as fotos, cores e ilustrações do empreendimento são exclusivamente

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO

PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO Considerando a necessidade de padronização da metodologia de análise, dos critérios de avaliação e do fluxo de encaminhamento da proposta institucional submetida à Chamada Pública MCTI/FINEP/CT-INFRA PROINFRA

Leia mais

residencial SANGIOVESE no Pantanal administração: Empreendimento à Preço de Custo Grupo Fechado (SPE)

residencial SANGIOVESE no Pantanal administração: Empreendimento à Preço de Custo Grupo Fechado (SPE) residencial SANGIOVESE no Pantanal administração: Empreendimento à Preço de Custo Grupo Fechado (SPE) Administração A NOVA atua em todas as etapas da cadeia de valor do empreendimento: captação do terreno,

Leia mais

Informática aplicada ao Gerenciamento de Obras. Unidade I:

Informática aplicada ao Gerenciamento de Obras. Unidade I: Informática aplicada ao Gerenciamento de Obras Unidade I: 0 Informática aplicada ao Gerenciamento de Obras GERENCIAMENTO DE OBRAS Programas computacionais gráficos podem ajudar na elaboração de orçamentos,

Leia mais

PARECER TÉCNICO nº 001/13

PARECER TÉCNICO nº 001/13 PARECER TÉCNICO 00/3 Cliente XU FU HENG AV. DA CATANHEIRA, LT 3350, TORRE J, APTO 306. R.A ÁGUA CLARA BRAÍLIA 747.323.8234 4 IMÓVEL Área (m²) Edificação Apto. 306 Tipo de Imóvel Apartamento Terreno F.

Leia mais

Macroregião SESI. Extra. Shop. Bourbon. Pq. Villa Lobos Shop. Villa Lobos USP. Pça. Panamericana

Macroregião SESI. Extra. Shop. Bourbon. Pq. Villa Lobos Shop. Villa Lobos USP. Pça. Panamericana LOCALIZAÇÃO Macroregião SESI Extra Shop. Bourbon Pq. Villa Lobos Shop. Villa Lobos USP Pça. Panamericana Microregião Quadra Fiscal PRODUTO Ficha Técnica Construção: Even Construtora e Incorporadora Projeto

Leia mais

Ao lado da Vila Leopoldina, próximo ao parque e ao shopping Villa Lobos, em uma região com grande demanda.

Ao lado da Vila Leopoldina, próximo ao parque e ao shopping Villa Lobos, em uma região com grande demanda. Localização Ao lado da Vila Leopoldina, próximo ao parque e ao shopping Villa Lobos, em uma região com grande demanda. Macrorregião 10.416,74m² Macrorregião Vila Leopoldina Shopping e Parque Villa Lobos

Leia mais

ANEXO II LAUDO DE AVALIAÇÃO

ANEXO II LAUDO DE AVALIAÇÃO ANEXO II LAUDO DE AVALIAÇÃO 1. OBJETIVO E FINALIDADE DO PARECER Este laudo de avaliação tem o objetivo único de estimar a valorização imobiliária decorrente das obras públicas de pavimentação a serem realizadas

Leia mais

Rua Correia Dias, 184 Paraíso - São Paulo SP CEP: 04104-000. Promorar-constru@bol.com.br l www.promorar-constru.com

Rua Correia Dias, 184 Paraíso - São Paulo SP CEP: 04104-000. Promorar-constru@bol.com.br l www.promorar-constru.com O objetivo do programa PROMORAR é reforçar a importância da sustentabilidade social para projetos habitacionais. A proposta nasce, em um momento muito propício e favorável, a oferta de unidades de interesse

Leia mais

tpaempreendimentos.com.br Material de treinamento. Proibida Divulgação.

tpaempreendimentos.com.br Material de treinamento. Proibida Divulgação. Fundada em 13 de dezembro de 1974, a TPA acumula experiência atuando sempre nos ramos de construção civil e de incorporação. Promoveu e executou inúmeras obras em diversos setores do ramo construtivo,

Leia mais

EM UMA LOCALIZAÇÃO ÚNICA, SURGE TORONTO, A MAIS NOVA JOIA DO CABRAL.

EM UMA LOCALIZAÇÃO ÚNICA, SURGE TORONTO, A MAIS NOVA JOIA DO CABRAL. EM UMA LOCALIZAÇÃO ÚNICA, SURGE TORONTO, A MAIS NOVA JOIA DO CABRAL. FACHADA TORONTO LOCALIZAÇÃO RUA VER. GARCIA R. VELHO, 140 A 1 quadra do GRACIOSA COUNTRY CLUB O Cabral é um dos bairros mais tradicionais

Leia mais

Viamprom Construções Ltda. (Sociedade de Propósito Específico SPE). Tetto Empreendimentos Imobiliário e Paulo Baeta Empreendimentos.

Viamprom Construções Ltda. (Sociedade de Propósito Específico SPE). Tetto Empreendimentos Imobiliário e Paulo Baeta Empreendimentos. 1) Incorporação: Viamprom Construções Ltda. (Sociedade de Propósito Específico SPE). 2) Autoria dos Projetos: Crosara Arquitetura e Consultoria Ltda. CREA nº 7950/RF-DF 3) Planejamento e Vendas: Tetto

Leia mais

A perfeição da obra está na beleza de cada detalhe.

A perfeição da obra está na beleza de cada detalhe. A perfeição da obra está na beleza de cada detalhe. A felicidade tem endereço certo. Residencial. Privilegiado. Completo. É assim o Bairro de Fátima. Uma das regiões mais valorizadas de Fortaleza. Central,

Leia mais

Sérgio Antão Paiva. Porto Alegre 20 de maio de 2011

Sérgio Antão Paiva. Porto Alegre 20 de maio de 2011 Revisão da NBR 14.653-2 Imóveis Urbanos: Inovações da Versão 2011 Sérgio Antão Paiva Porto Alegre 20 de maio de 2011 Principais alterações na NBR 14.653-2 Especificação de características qualitativas

Leia mais

Modelagem Financeira Tutorial

Modelagem Financeira Tutorial Modelagem Financeira Tutorial Um dos grandes desafios para os empreendedores de uma startup é transformar o modelo de negócios em números, ou seja, estimar as receitas e custos da criação e operação da

Leia mais

MATERIAL DE TREINAMENTO DO CORRETOR

MATERIAL DE TREINAMENTO DO CORRETOR MATERIAL DE TREINAMENTO DO CORRETOR O grande lançamento está chegando! Apresentação comercial ROTEIRO 1. Parceria 2.Histórico MCMV Morar 3. Localização 4. Ficha técnica 5. Implantação 6. Lazer e segurança

Leia mais

Marcelo Ribeiro de Godoi. Orçamento Fácil Construção Civil Predial

Marcelo Ribeiro de Godoi. Orçamento Fácil Construção Civil Predial Marcelo Ribeiro de Godoi Orçamento Fácil Construção Civil Predial Março/2009 Orçamento Fácil Construção Civil Predial 7 Capítulos 1ª edição - 1998 2ª edição - 2003 3ª edição - 2008 4ª edição - 2009 Copyright

Leia mais

INSTRUÇÕES DE PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO

INSTRUÇÕES DE PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO INSTRUÇÕES DE PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO CPF/CNPJ do Requerente Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica ou Cadastro de Pessoa Física. Campo obrigatório. Nome Empresarial ou Nome do Proprietário Nome Empresarial

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE URUGUAIANA ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL. Tipologia Construtiva. Prefeitura Municipal de Uruguaiana (RS), Maio de 2015.

PREFEITURA MUNICIPAL DE URUGUAIANA ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL. Tipologia Construtiva. Prefeitura Municipal de Uruguaiana (RS), Maio de 2015. PREFEITURA MUNICIPAL DE URUGUAIANA ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Tipologia Construtiva Prefeitura Municipal de Uruguaiana (RS), Maio de 2015. TIPOLOGIA CONSTRUTIVA 1 SUB HABITAÇÃO 1.1- Sub-habitação Compostos

Leia mais

2. CONSIDERAÇÕES INICIAIS

2. CONSIDERAÇÕES INICIAIS MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA CHAMADA INTERNA DA PRÓ-REITORIA DE PESQUISA 001/2015 A Pró-Reitoria de Pesquisa da Universidade Federal de Mato Grosso

Leia mais

ESTADO DO PIAUÍ PREFEITURA MUNICIPAL DE TERESINA

ESTADO DO PIAUÍ PREFEITURA MUNICIPAL DE TERESINA LEI COMPLEMENTAR Nº 3.149, DE 23 DE DEZEMBRO DE 2002. Dá nova redação aos arts. 108, 113, 115, e cria os arts. 108-A, 108-B, 108-C, 108-D, 108-E, 108-F, 108-G, 108-H, 108-I, 108-J, 108-L, 108-M, 108-N,

Leia mais

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO / NOTURNO PROGRAMA DE DISCIPLINA

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO / NOTURNO PROGRAMA DE DISCIPLINA CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO / NOTURNO PROGRAMA DE DISCIPLINA DISCIPLINA: Oficina Temática de Habitação Verticalizada CÓDIGO: PRJ 061 CLASSIFICAÇÃO: Optativa PRÉ-REQUISITO: não tem CARGA HORÁRIA: TÉORICA

Leia mais

ALGUNS EMPREENDIMENTOS ACS

ALGUNS EMPREENDIMENTOS ACS ALGUNS EMPREENDIMENTOS ACS VGV 2010: R$ 300 Milhões CHACARA KLABIN VGV 2011: R$ 390 Milhões ALPHAVILLE VGV 2012: R$ 110 Milhões, POR ENQUANTO! ACS VGV TOTAL ACS: R$ 1 BILHÃO LOCALIZAÇÃO VIVA VISTA - Sumaré

Leia mais

O poder da conquista

O poder da conquista O poder da conquista VOCÊ E SUA FAMÍLIA VIVENDO ESSA VITÓRIA. Imperator era o título das pessoas que atingiam o mais alto nível de poder na época da República Romana. Hoje você pode conquistar esse lugar

Leia mais

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL CPOS 0380/2008 pasta A 58 LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL Av. Pres. Castelo Branco, Lotes 21 e 23 Quadra 3 Vila Balneária Bairro Jardim Real Praia Grande SP CPI Conselho do Patrimônio Imobiliário

Leia mais

ERRATA Nº 02 EDITAL DE CREDENCIAMENTO

ERRATA Nº 02 EDITAL DE CREDENCIAMENTO ERRATA Nº 02 CENTRO DE SERVIÇOS DE LOGÍSTICA CSL CURITIBA (PR) - LICITAÇÕES Curitiba (PR), 15 de junho de 2011. EDITAL DE CREDENCIAMENTO 20/7419/0001 - Centro de Serviços de Logística - Curitiba (PR) Credenciamento

Leia mais

Manual Simbo CRM Abril/ 2012

Manual Simbo CRM Abril/ 2012 Manual Simbo CRM Abril/ 2012 ATENÇÃO: Este manual foi realizado baseado em Usuários Administradores, para usuários corretores muitas funcionalidades são indisponíveis. SUMÁRIO SUMÁRIO... 2 Estrutura do

Leia mais

Seminário: Engenharia da Avaliação em Desapropriação

Seminário: Engenharia da Avaliação em Desapropriação Seminário: Engenharia da Avaliação em Desapropriação Normas Técnicas : A importância de uniformização de Conceitos Arquiteta Ana Maria de Biazzi Dias de Oliveira Normas Técnicas : A importância de uniformização

Leia mais

Prêmio Inovação UP 2012 Manual de Preenchimento do Formulário

Prêmio Inovação UP 2012 Manual de Preenchimento do Formulário ORIENTAÇÕES GERAIS Considerando que projeto deverá ser executado de agosto de 2012 a janeiro de 2013, avaliar a viabilidade de execução e finalização no prazo. Para preencher o formulário, observar as

Leia mais

Aplicação do REVIT em estudos de viabilidade.

Aplicação do REVIT em estudos de viabilidade. . Sergio Leusin GDP Gerenciamento e Desenvolvimento de Projetos Raquel Canellas GDP Gerenciamento e Desenvolvimento de Projetos Apresentação de casos de estudo de viabilidade físico financeira com apoio

Leia mais

Registro de Incorporação Nº R-4-36.611 no 3º Ofício de Registro de Imóveis de Blumenau.

Registro de Incorporação Nº R-4-36.611 no 3º Ofício de Registro de Imóveis de Blumenau. Registro de Incorporação Nº R-4-36.611 no 3º Ofício de Registro de Imóveis de Blumenau. Imagens meramente ilustrativas. Perspectiva artística da fachada. As tonalidades das cores apresentadas podem sofrer

Leia mais

Edifício Grande Maison. Fachadas Frontal e Esquerda

Edifício Grande Maison. Fachadas Frontal e Esquerda Fachadas Frontal e Esquerda 2 Ficha Técnica Nome do empreendimento: Edifício Grande Maison Número total de pavimentos: 6 Área total do empreendimento: 0.783,90m² Área de lazer: 959,75m² Número de pavimentos

Leia mais

Dificuldades Vida Profissional após a Graduação:

Dificuldades Vida Profissional após a Graduação: Dificuldades Vida Profissional após a Graduação: Arq. Graduação: Arquitetura e Urbanismo 2004 - Universidade de Passo Fundo UPF Especialização: Construção Civil 2008 NORIE - UFRGS Master: MDI Dirección

Leia mais

Projetistas Interiores Débora Aguiar Arquitetura idea! Arquitetura + Design A Idea! atua no Ceará na área de projetos de arquitetura desde 2007. Sob a direção dos arquitetos Fabián Salles e Geraldo Duarte,

Leia mais

Adotamos como regra que o nível de rigor a ser utilizado ou observado nas avaliações é o normal, e não o rigoroso (técnico).

Adotamos como regra que o nível de rigor a ser utilizado ou observado nas avaliações é o normal, e não o rigoroso (técnico). Lembramos que: A VISTORIA é parte fundamental da avaliação. A Tabela Ross-Heideck aponta os percentuais de depreciação ou super-avaliação de um bem, em relação direta ao estado em que se encontra, fruto

Leia mais

Material sujeito a alteração e exclusivo para uso interno da Even. Proibida a divulgação.

Material sujeito a alteração e exclusivo para uso interno da Even. Proibida a divulgação. TRANQUILIDADE PARA FAZER TUDO A PÉ INCLUSIVE PASSEAR COM O MEU FILHO LOCALIZAÇÃO Macroregião Hípica Paulista MOEMA Pte. Estaiada Shopping D&D BROOKLIN Shopping Ibirapuera Etna Rede Globo Hyatt C&C Futura

Leia mais

PAVIMENTO TIPO apartamentos 104, 204, 304, 404, 504, 604, 704, 804, 904, 1004 e 1104. Área 99,03m². 02 quartos. 01 suíte com closet

PAVIMENTO TIPO apartamentos 104, 204, 304, 404, 504, 604, 704, 804, 904, 1004 e 1104. Área 99,03m². 02 quartos. 01 suíte com closet Investir com solidez A Hermom acaba de lançar seu maior empreendimento. Um edifício de 17 andares no Coqueiro, o bairro mais valorizado da cidade. Uma oportunidade única de investir em solidez, no mercado

Leia mais

PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA 0-3 SM PODER PÚBLICO

PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA 0-3 SM PODER PÚBLICO PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA 0-3 SM PODER PÚBLICO 1 PMCMV 0 a 3 SM Poder Público - Construtoras ENTENDA O PROGRAMA O Programa consiste na aquisição de Terreno onde são construídas unidades habitacionais,

Leia mais

Chegou MUITAS. lazer. a era da UM LUGAR. estilo. praticidade. multiplique. Qualidade. endereço. em um só. seu. diversidade POSSIBILIDADES.

Chegou MUITAS. lazer. a era da UM LUGAR. estilo. praticidade. multiplique. Qualidade. endereço. em um só. seu. diversidade POSSIBILIDADES. UM LUGAR MUITAS POSSIBILIDADES Chegou a era da praticidade diversidade em um só endereço Qualidade de vida uma questão de estilo multiplique seu lazer MATERIAL PARA USO INTERNO. PROIBIDA A DISTRIBUIÇÃO.

Leia mais

Manual do Usuário. Pré-Cadastro de Participantes. 08.11.2004 Versão 1.1

Manual do Usuário. Pré-Cadastro de Participantes. 08.11.2004 Versão 1.1 Manual do Usuário Pré-Cadastro de Participantes 08.11.2004 Versão 1.1 Índice 1. Introdução ao Pré-Cadastro...3 1.1. Pré-Cadastro de pessoa Física...3 1.1.1. Termo...3 1.1.2. Dados de identificação...4

Leia mais

Tabela de Vendas. Atualizada em 01/08/2012. Visite nosso site www.cittaengenharia.com.br

Tabela de Vendas. Atualizada em 01/08/2012. Visite nosso site www.cittaengenharia.com.br Tabela de Vendas Atualizada em 01/08/2012 Visite nosso site www.cittaengenharia.com.br Í N D I C E 01 VILLAGGIO SANTA PAULA 01 02 04 05 06 08 09 10 EDIFÍCIO BOLOGNA EDIFÍCIO ROMA EDIFÍCIO BERGAMO EDIFÍCIO

Leia mais

ENCAMINHAMENTO DE PRESTAÇÃO DE CONTAS IDENTIFICAÇÃO DO BENEFICIÁRIO MOVIMENTAÇÃO FINANCEIRA

ENCAMINHAMENTO DE PRESTAÇÃO DE CONTAS IDENTIFICAÇÃO DO BENEFICIÁRIO MOVIMENTAÇÃO FINANCEIRA ANEXO VI PRESTAÇÃO DE CONTAS Proponente Endereço completo ENCAMINHAMENTO DE PRESTAÇÃO DE CONTAS IDENTIFICAÇÃO DO BENEFICIÁRIO CPF Telefone CEP Cidade UF E-mail Fax Tema do Projeto Período de utilização

Leia mais

DIMENSIONAMENTO. Versão 2014 Data: Março / 2014

DIMENSIONAMENTO. Versão 2014 Data: Março / 2014 5 DIMENSIONAMENTO Versão 2014 Data: Março / 2014 5.1. Parâmetros para o dimensionamento... 5.3 5.1.1. Escolha de parâmetros... 5.3 5.1.2. Tipologia construtiva da instalação predial... 5.3 5.1.3. Pressão

Leia mais

Ministério da Educação

Ministério da Educação Ministério da Educação PROINFÂNCIA E QUADRAS ESPORTIVAS ESCOLARES PROGRAMA DE ACELERAÇÃO DO CRESCIMENTO (PAC 2) ORIENTAÇÕES GERAIS PARA PREENCHIMENTO DOS DADOS NO SIMEC Brasília/DF, Setembro de 2011 APRESENTAÇÃO

Leia mais

Exmº. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Lagos

Exmº. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Lagos REGISTO DE ENTRADA Requerimento n.º de / / Processo n.º / Pago por Guia n.º,. Ao Serviço O Funcionário, Exmº. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Lagos COMUNICAÇÃO PRÉVIA DE OBRAS DE EDIFICAÇÃO EM

Leia mais

Av. dos Engenheiros, 300 Sala 05 - Bairro Castelo Belo Horizonte Cep: 30.840-300 Tel: (31) 3418-3917 / www.soledificacoes.com.br

Av. dos Engenheiros, 300 Sala 05 - Bairro Castelo Belo Horizonte Cep: 30.840-300 Tel: (31) 3418-3917 / www.soledificacoes.com.br Especificações Básicas e Memorial Descritivo da Obra Memorial Descritivo O será construído à rua Kenedy Maro Campos N.º 54, Bairro Castelo, na cidade de Belo Horizonte/MG, conforme alvará de construção

Leia mais

Creche: crianças até 4 anos de idade Pré escola: crianças de 4 a 6 anos de idade

Creche: crianças até 4 anos de idade Pré escola: crianças de 4 a 6 anos de idade PROINFÂNCIA AÇÃO DE INFRAESTRUTURA EDUCACIONAL Coordenação Geral de Infraestrutura Educacional CGEST Programa Proinfância O principal objetivo é prestar assistência financeira aos interessados visando

Leia mais

Programa Minha Casa Minha Vida Faixa 1 Especificações

Programa Minha Casa Minha Vida Faixa 1 Especificações Programa Minha Casa Minha Vida Faixa 1 Especificações PMCMV RECURSOS FAR OBJETIVO Aquisição e requalificação de imóveis destinados a alienação para famílias com renda mensal de até R$ 1.600,00 (Faixa 1),

Leia mais

Tabela de Vendas Atualizada em 01/06/2009 Visite nosso site

Tabela de Vendas Atualizada em 01/06/2009 Visite nosso site Tabela de Vendas Atualizada em 01/06/2009 Visite nosso site www.cittaengenharia.com.br Índice 01 (A) - VILLAGE CORAL GARDENS - Ed. Tulip (Coluna 4) 01 (B) - VILLAGE CORAL GARDENS - Ed. Tulip (Coluna 3)

Leia mais

Emprego dos custos unitários de projetos padrões na avaliação de imóveis: comparativo entre o CUB e o SINAPI Maio/2012

Emprego dos custos unitários de projetos padrões na avaliação de imóveis: comparativo entre o CUB e o SINAPI Maio/2012 Emprego dos custos unitários de projetos padrões na avaliação de imóveis: comparativo entre o CUB e o SINAPI Emílio Cesar Gonçalves de Mendonça - emiliogoncalves@hotmail.com Pós-graduação em Avaliações

Leia mais

Tabela de Vendas. Atualizada em 03/01/2011. Visite nosso site www.cittaengenharia.com.br

Tabela de Vendas. Atualizada em 03/01/2011. Visite nosso site www.cittaengenharia.com.br Tabela de Vendas Atualizada em 03/01/2011 Visite nosso site www.cittaengenharia.com.br Índice 01 (A) - VILLAGE CORAL GARDENS - Ed. Tulip (Coluna 4) 01 (B) - VILLAGE CORAL GARDENS - Ed. Tulip (Coluna 3)

Leia mais

PLEO Planilha Eletrônica de Orçamentos

PLEO Planilha Eletrônica de Orçamentos PLEO Planilha Eletrônica de Orçamentos A montagem de um orçamento consistente é uma ciência. Diferentemente de uma simples estimativa de custos, quando a avaliação é empírica, o orçamento que segue os

Leia mais

INFORMATIVO VALOR VENAL

INFORMATIVO VALOR VENAL INFORMATIVO VALOR VENAL IPTU 2012 ESCLARECIMENTOS SOBRE A NECESSIDADE DE ABERTURA OU NÃO DO PROCESSO DE IMPUGNAÇÃO DE VALOR VENAL SR. CONTRIBUINTE ANTES DE ABRIR PROCESSO, LEIA OS ESCLARECIMENTOS ABAIXO:

Leia mais

PROMOÇÃO PRONTOS PARA VIVER REGULAMENTO

PROMOÇÃO PRONTOS PARA VIVER REGULAMENTO PROMOÇÃO PRONTOS PARA VIVER REGULAMENTO A presente campanha é promovida pela AQUILA EVEN RIO EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS LTDA, com sede nesta Capital do Estado do Rio de Janeiro, na Av. João Cabral de

Leia mais

TRATAMENTO POR FATORES DE FORMA DA CIDADE DE SANTOS SP (Área insular) PROCEDIMENTOS

TRATAMENTO POR FATORES DE FORMA DA CIDADE DE SANTOS SP (Área insular) PROCEDIMENTOS TRATAMENTO POR FATORES DE FORMA DA CIDADE DE SANTOS SP (Área insular) PROCEDIMENTOS Coordenar: Odevan Ruas de Mennça Colaborares: Antônio Guilherme de Menezes Braga Odair s Santos Vinagreiro Ana Maria

Leia mais

TRILHA DE CAPACITAÇÃO CONTRATOS E MEDIÇÕES

TRILHA DE CAPACITAÇÃO CONTRATOS E MEDIÇÕES Objetivo: introdução à gestão de contratos e medições, visão geral do SMO e suas principais funcionalidades. não há. TRILHA I (Básico) TRILHA II (Intermediário) TRILHA III (Avançado) Objetivo: adquirir

Leia mais

OBJETO: Valorização Imobiliária decorrente de pavimentação Zona Urbana de Santa Cruz do Sul - RS

OBJETO: Valorização Imobiliária decorrente de pavimentação Zona Urbana de Santa Cruz do Sul - RS SOLICITANTE: PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTA CRUZ DO SUL OBJETO: Valorização Imobiliária decorrente de pavimentação Zona Urbana de Santa Cruz do Sul - RS 1. OBJETIVO E FINALIDADE DO PARECER Este laudo de

Leia mais

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL Rua Ceará, nº 2855 São Joaquim da Barra/SP CPI Conselho do Patrimônio Imobiliário Coordenadas Geográfica: W 47.872444 S 20.585111 2 FICHA CADASTRAL DO IMÓVEL 1. VALOR

Leia mais

Regulamento da Promoção TEST LIFE EVEN

Regulamento da Promoção TEST LIFE EVEN Regulamento da Promoção TEST LIFE EVEN A) DO TEST LIFE 1. A presente promoção é realizada pela EVEN CONSTRUTORA E INCORPORADORA S/A, por si e pelas empresas de seu grupo econômico, doravante GRUPO EVEN,

Leia mais

Manguinhos. Essa e a VOCÊ SONHA, A GENTE ENTREGA. Desde 1981, a Morar transforma sonhos em realidade sendo reconhecida pelo seu atendimento,

Manguinhos. Essa e a VOCÊ SONHA, A GENTE ENTREGA. Desde 1981, a Morar transforma sonhos em realidade sendo reconhecida pelo seu atendimento, VOCÊ SONHA, A GENTE ENTREGA. Desde 1981, a Morar transforma sonhos em realidade sendo reconhecida pelo seu atendimento, projetos inovadores e entrega no prazo. Por estes e tantos outros motivos, a Morar

Leia mais

CRIATIVIDADE EM PROJETOS IMOBILIÁRIOS CASE BARRA VILLAGE HOUSE LIFE

CRIATIVIDADE EM PROJETOS IMOBILIÁRIOS CASE BARRA VILLAGE HOUSE LIFE CRIATIVIDADE EM PROJETOS IMOBILIÁRIOS CASE BARRA VILLAGE HOUSE LIFE QGDI é uma empresa do Grupo Queiroz Galvão; Atua no segmento Residencial e Comercial de Média-Alta Renda e no segmento Econômico com

Leia mais

3,7 km do Shopping Paulista 4,2 km da Avenida Paulista 3,5 km do Centro Cultural SP

3,7 km do Shopping Paulista 4,2 km da Avenida Paulista 3,5 km do Centro Cultural SP Localização Localização ] 3,7 km do Shopping Paulista 4,2 km da Avenida Paulista 3,5 km do Centro Cultural SP A Vila Mariana é um bairro desejado pelos paulistanos que valorizam a qualidade de vida, traduzida

Leia mais

PROGRAMA PETROBRAS CULTURAL ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS

PROGRAMA PETROBRAS CULTURAL ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS PROGRAMA PETROBRAS CULTURAL ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS Este documento contém um pequeno descritivo do conteúdo que deve ser inserido em cada um dos campos do Formulário de Inscrição do Programa

Leia mais