RELATÓRIO DE PEDIDO DE ESCLARECIMENTO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "RELATÓRIO DE PEDIDO DE ESCLARECIMENTO"

Transcrição

1 ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DA DEFESA SOCIAL COMISSÃO ESPECIAL DE LICITAÇÃO RELATÓRIO DE PEDIDO DE ESCLARECIMENTO PROCESSO: /2013 LICITAÇÃO: Pregão Presencial em âmbito Internacional nº 01/2013/SEDS. OBJETO: Contratação de empresa ou consórcio de empresas, para fornecimento de Sistema de Comunicações de Rádio Troncalizado - PMR (Professional Mobile Radio) de padrão aberto (TETRA - Terrestrial Trunked Rádio) para aplicação em comunicações críticas de Segurança Pública; conforme especificações e condições estabelecidas no Termo de Referência constante do Anexo I do Edital. ASSUNTO: PEDIDO DE ESCLARECIMENTO AO EDITAL. INTERESSADO: ADR3 DISTRIBUIÇÃO E COMÉRCIO DE ELETRÔNICA LTDA. I - DOS FATOS O INTERESSADO apresentou, tempestivamente, pedido de esclarecimento ao Edital de Pregão Presencial em âmbito Internacional nº 01/2013/SEDS. Em síntese questiona a empresa: Questão 01 O item estabelece que: Empresas estrangeiras, não estabelecidas no Brasil, que façam parte do consórcio juntamente com empresas brasileiras, terão que apresentar:... Considerando que empresas estrangeiras, podem estar estabelecidas no Brasil, mas suas subsidiárias locais, podem não fazer parte de Consórcio, ou terem objetivos sociais de simples escritórios comerciais. Desta forma, entendemos que: 1. Uma empresa estrangeira pode participar do processo licitatório, como tal, isto é, empresa estrangeira independente de ter ou não subsidiária local. 2. Não é obrigatório a subsidiária local participar do Consórcio. Nosso entendimento está correto? Resposta: Sim seu entendimento está correto, devendo observar o item

2 Questão 02: O item 3.2 estabelece que: As empresas estrangeiras, que façam parte de consórcio, poderão apresentar documentos em outros idiomas, desde que acompanhados de tradução para a língua portuguesa (Brasil), efetuada por Tradutor Juramentado no Brasil, devidamente consularizados no local de emissão, caso em que tal tradução prevalecerá sobre os originais. Os documentos emitidos no estrangeiro, porém, em língua portuguesa (Brasil), deverão também, ser apresentados devidamente consularizados no local de emissão. O item 5.9 estabelece que: O item estabelece que: Os documentos exigidos no envelope de habilitação (documentação), bem como os documentos ou demais informações exigidas no envelope de propostas de preços, deverão ser apresentados em original ou cópia autenticada por Cartório ou por membro da Equipe de Apoio No caso de empresas estrangeiras, os documentos equivalentes, deverão estar devidamente consularizados e traduzidos por tradutor juramentado Apresentar catálogos e/ou prospectos que contenham a descrição ou informações do objeto cotado: fotos; especificações técnicas; marca e modelo do produto/equipamento; as quais comprovarão que efetivamente o produto/equipamento; as quais comprovarão que efetivamente o produto/equipamento ofertado existe no mercado e que apresenta as especificações técnicas mínimas exigidas pela Administração, no idioma Português (Brasil) ou Inglês. Considerando que os documentos vindos do exterior devem ter suas assinaturas reconhecidas de acordo com as leis locais. Em muitos países esse reconhecimento é feito por notário público. Nos países onde não existe notário público, o reconhecimento é feito por outras entidades, de acordo com suas leis internas. Considerando que a assinatura do notário público ou outra entidade autorizada, nos casos dos países onde não existe a figura do notário, deve ser reconhecida pela representação consular brasileira mais próxima, para produzir efeitos legais no Brasil. Esse procedimento é conhecido como notarização e consularização, ou legalização do documento produzido no exterior, com a finalidade de fazer com que o mesmo tenha validade no Brasil.

3 Dado o exposto acima, entendemos que os Catalagos/ Datasheets / Manuais, não necessitam de tradução para o português em vista do edital aceitar a língua inglesa para apresentação deste documento. Assim bem como esta dispensada a consularização em virtude deste tipo de documento não exibir uma assinatura para ser notarizada no país de origem e consequentemente não ser possível sua consularização. Nosso entendimento esta correto? É válida também para qualquer outro documento que não apresente assinatura? Resposta. Catálogos, datasheets e manuais podem ser apresentados em português ou inglês. Questão 03: O item 3.2 estabelece que: As empresas estrangeiras, que façam parte de consórcio, poderão apresentar documentos em outros idiomas, desde que acompanhados de tradução para a língua portuguesa (Brasil), efetuada por Tradutor Juramentado no Brasil, devidamente consularizados no local de emissão, caso em que tal tradução prevalecerá sobre os originais. Os documentos emitidos no estrangeiro, porém, em língua portuguesa (Brasil), deverão também, ser apresentados devidamente consularizados no local de emissão. O item 5.9 estabelece que: Os documentos exigidos no envelope de habilitação (documentação), bem como os documentos ou demais informações exigidas no envelope de propostas de preços, deverão ser apresentados em original ou cópia autenticada por Cartório ou por membro da Equipe de Apoio No caso de empresas estrangeiras, os documentos equivalentes, deverão estar devidamente consularizados e traduzidos por tradutor juramentado O item estabelece que: O item estabelece que: Certificado de interoperabilidade (TETRA IOP Certificates) de pelo menos 3 fabricantes de terminais de rádio independentes, atestados pelo órgão regulador TETRA Association. Apresentar Certificado de Interoperabilidade, expedido pelo órgão regulador TETRA Association de pelo menos (03) três fabricantes de terminais de rádios independentes.

4 O item estabelece que: O item estabelece que: A comprovação deste item trata apenas da interface aérea, entre terminais e estações base, definida por padrão de radiocomunicação especificado por organismo padronizador nacional e/ou internacional, em especial nos quesitos de transmissão de voz e dados, segurança e criptografia, sinalização, registro e autenticação dos terminais na rede. Serão aceitos os certificados, declarações ou atestados emitidos pela internet desde que possam ser verificados no sítio oficial do organismo padronizador nacional e/ou internacional normatizador da tecnologia ofertada, ou de sua associação oficial. Considerando que os documentos vindos do exterior devem ter suas assinaturas reconhecidas de acordo com as leis locais. Em muitos países esse reconhecimento é feito por notário público. Nos países onde não existe notário público, o reconhecimento é feito por outras entidades, de acordo com suas leis internas. Considerando que a assinatura do notário público ou outra entidade autorizada, nos casos dos países onde não existe a figura do notário, deve ser reconhecida pela representação consular brasileira mais próxima, para produzir efeitos legais no Brasil. Esse procedimento é conhecido como notarização e consularização, ou legalização do documento produzido no exterior, com a finalidade de fazer com que o mesmo tenha validade no Brasil. Considerando que as sessões de testes de interoperabilidade é realizada e emitida em diferentes países da Europa, tais como Polônia, Inglaterra, Finlândia, Austria e outros, e que atualmente os engenheiros responsáveis pelos testes e sua assinatura são italianos, e que a validade dos documentos será verificada no site da Tetra and Critical Communications Association (www.tandcca.org). Dado o exposto acima, entendemos que os Certificados de Interoperabilidade não necessitam de tradução para o português. Assim bem como esta dispensada a consularização, em virtude de ser inexeqüível devido ao múltiplos países envolvidos em seu processo e sua veracidade ser verificada no site da Tetra and Critical Communications Association. Nosso entendimento esta correto? Resposta. Sim seu entendimento está correto.

5 Questão 04: O item estabelece que: Declaração, sob as penas da lei, de que a empresa não emprega menor de 18 (dezoito) anos para a realização de trabalhos noturnos, perigosos ou insalubres, bem como não utiliza, para qualquer trabalho, mão-de-obra de menores de 16 (dezesseis) anos, exceto na condição de aprendiz, a partir de 14 (quatorze) anos, de acordo com o inciso V, do artigo 27, da Lei 8.666/93, conforme modelo que segue no presente Edital. Entendemos que tal documento deve ser apresentada apenas para empresas brasileiras. Nosso entendimento está correto? Resposta. Sim seu entendimento está correto. Questão 05: O item 13.4 estabelece que: A multa aplicável será de: ,33% (trinta e três centésimos por cento) por dia, pelo atraso, na entrega de material ou execução de serviços, calculado sobre o valor correspondente à parte inadimplente, até o limite de 9,9%, correspondentes a até 30 (trinta) dias de atraso; ,66 % (sessenta e seis centésimos por cento) por dia, pelo atraso na entrega de material ou execução de serviços, calculado, desde o primeiro dia de atraso, sobre o valor correspondente à parte inadimplente, em caráter excepcional e a critério do órgão ou entidade interessada, quando o atraso ultrapassar 30 (trinta) dias; % (cinco por cento) por descumprimento do prazo de entrega, calculados sobre o valor total do contrato ou da Nota de Empenho, sem prejuízo da aplicação das multas previstas nos subitens e Solicitamos esclarecimento quanto a limitação final no caso da aplicação da multa correspondente ao item , e o evento gerador da multa do item e se a mesma é concomitante ao item e

6 Resposta. Não existe limitação. A multa é concomitante, conforme legislação estadual. Questão 06: O item 16.1 estabelece que: O pagamento à Contratada será realizado de acordo com o Termo de Referência e cronograma de pagamento e será executado conforme realização de atesto dos eventos e será efetuado em até 15 (quinze) dias, contados a partir da data de apresentação do termo circunstanciado de recebimento de cada etapa e da nota fiscal/proforma invoice devidamente atestada pela Comissão designada, de acordo com o Termo de Referência anexo ao Edital. O fornecimento de Serviço de operação assistida e Manutenção do sistema serão pagos em parcelas mensais. Solicitamos esclarecimento dos eventos de desembolso e percentuais dos mesmos, em vista do Termo de Referência apresentar apenas o cronograma de atividades. Resposta. O cronograma de desembolso será inserido no Termo de Referência conforme abaixo: Evento Contratual Quant. Unid % Desembolso Estação Rádio Base (ERB) 4 portadoras expansível até 8 portadoras 6 CJ Estação Rádio Base (ERB) 2 portadoras expansível até 4 portadoras 24 CJ Controladora redundante com sistema de gerenciamento 1 CJ Sistema de Gerenciamento de Elementos/Servidor de chaves de autenticação redundantes conforme TR. 1 CJ Estações de Despacho 20 CJ Sistema Automático de Localização de Veículos AVL 1 Vb 100% ativação sistema Transceptores de Rádio Fixo 140 Cj Transceptores de Rádio Móveis 690 Cj Transceptor de Rádio Portáteis Cj

7 Elementos de Conectividade 30 pares Gabinetes Outdoor equipados com baterias e fonte de energia 30 Cj Serviços de Integração, Instalação, Supervisão, Comissionamento e Testes; 1 Vb Treinamento oficial do fabricante em operação, visão sistêmica e configuração do sistema. 1 Vb Serviços de Operação Assistida mensal 24x7 (inicial) 3 mês Serviços de Manutenção Corretiva e Preventiva 24x7 36 mês Em parcelas após cada mês de execução. 100% após o treinamento. Em parcelas após cada mês de execução. Em parcelas após cada mês de execução. Questão 07: O item 24.1 estabelece que: Por ocasião da celebração do contrato, no ato da assinatura, a Administração exigirá da contratada a prestação de garantia contratual correspondente a 5% (cinco por cento) do valor do contrato, mediante uma das seguintes modalidades à escolha do Contratado: seguro garantia ou fiança bancária; caução em dinheiro ou em títulos da dívida pública, devendo estes ter sido emitidos sob a forma escritural, mediante registro em sistema centralizado de liquidação e de custódia autorizado pelo Banco Central do Brasil e avaliados pelos seus valores econômicos, conforme definido pelo Ministério da Fazenda; tendo seu valor atualizado nas condições contratualmente previstas. Entendemos que a Secretaria aceitará mais de uma modalidade de seguro fiança em nome das empresas componentes do Consórcio. Como exemplo podemos citar um consórcio formado por empresa estrangeira e outra brasileira, no qual as modalidades podem ser distintas em virtude da disponibilidade no Brasil e no país de origem. Nosso entendimento esta correto? Resposta. Sim, desde que esteja autorizado pelo Banco Central do Brasil. II - DA CONCLUSÃO Tendo em vista o exposto a Comissão Especial de Licitação, RESOLVE:

8 1) RECEBER e CONHECER o pedido de esclarecimento da empresa ADR3 DISTRIBUIÇÃO E COMÉRCIO DE ELETRÔNICA LTDA, visto sua tempestividade; 2) APRESENTAR à empresa questionante as respostas apresentadas neste Relatório. Maceió, 16 de julho de Membros da Comissão Especial de Licitação

RELATÓRIO DE PEDIDO DE ESCLARECIMENTO

RELATÓRIO DE PEDIDO DE ESCLARECIMENTO ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DA DEFESA SOCIAL COMISSÃO ESPECIAL DE LICITAÇÃO RELATÓRIO DE PEDIDO DE ESCLARECIMENTO PROCESSO: 2100-411/2013 LICITAÇÃO: Pregão Presencial em âmbito Internacional

Leia mais

ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DA DEFESA SOCIAL COMISSÃO ESPECIAL DE LICITAÇÃO RELATÓRIO DE PEDIDO DE ESCLARECIMENTO

ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DA DEFESA SOCIAL COMISSÃO ESPECIAL DE LICITAÇÃO RELATÓRIO DE PEDIDO DE ESCLARECIMENTO ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DA DEFESA SOCIAL COMISSÃO ESPECIAL DE LICITAÇÃO RELATÓRIO DE PEDIDO DE ESCLARECIMENTO PROCESSO: 2100-411/2013 LICITAÇÃO: Pregão Presencial em âmbito Internacional

Leia mais

RELATÓRIO DE PEDIDO DE ESCLARECIMENTO

RELATÓRIO DE PEDIDO DE ESCLARECIMENTO ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DA DEFESA SOCIAL COMISSÃO ESPECIAL DE LICITAÇÃO RELATÓRIO DE PEDIDO DE ESCLARECIMENTO PROCESSO: 2100-411/2013 LICITAÇÃO: Pregão Presencial em âmbito Internacional

Leia mais

GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL POLÍCIA MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DEPARTAMENTO DE LOGÍSTICA E FINANÇAS DIRETORIA DE TELEMÁTICA COMISSÃO TÉCNICA

GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL POLÍCIA MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DEPARTAMENTO DE LOGÍSTICA E FINANÇAS DIRETORIA DE TELEMÁTICA COMISSÃO TÉCNICA COMISSÃO TÉCNICA RELATÓRIO DE ANÁLISE DA PROPOSTA VENCEDORA DO PE 048/2014/PMDF PROCESSO: 054.001.055/2014. LICITAÇÃO: Pregão Eletrônico nº 048/2014/PMDF. OBJETO: Contratação de empresa ou consórcio de

Leia mais

A MOTOROLA SOLUTIONS LTDA vem respeitosamente solicitar esclarecimentos com relação ao Pregão Presencial referenciado acima.

A MOTOROLA SOLUTIONS LTDA vem respeitosamente solicitar esclarecimentos com relação ao Pregão Presencial referenciado acima. São Paulo, 05 de Agosto de 2013. À SECRETARIA DE ESTADO DA DEFESA SOCIAL COMISSÃO ESPECIAL DE LICITAÇÃO Ref.: Pregão Presencial em Âmbito Internacional Nº 01/2013 QUESTIONAMENTO Prezados Senhores(as),

Leia mais

PARECER TÉCNICO SOBRE DOCUMENTAÇÃO DE HABILITAÇÃO QUALIFICAÇÃO TÉCNICA DAS LICITANTES DA CONCORRÊNCIA Nº022/DALC/SEDE/2011:

PARECER TÉCNICO SOBRE DOCUMENTAÇÃO DE HABILITAÇÃO QUALIFICAÇÃO TÉCNICA DAS LICITANTES DA CONCORRÊNCIA Nº022/DALC/SEDE/2011: Brasília-DF, 22 de agosto de 2012. PARECER TÉCNICO SOBRE DOCUMENTAÇÃO DE HABILITAÇÃO QUALIFICAÇÃO TÉCNICA DAS LICITANTES DA CONCORRÊNCIA Nº022/DALC/SEDE/2011: CONSÓRCIO ATC / AIR NAV / EBCO; CONSÓRCIO

Leia mais

ESCLARECIMENTOS. Em virtude do exposto, segue o Anexo A, com os itens mencionados, que para todos os efeitos ficam incorporados ao edital publicado.

ESCLARECIMENTOS. Em virtude do exposto, segue o Anexo A, com os itens mencionados, que para todos os efeitos ficam incorporados ao edital publicado. ESCLARECIMENTOS Em curso nesta Autarquia a licitação nº 0453/13, Processo nº 0363/13, que almeja a contratação de pessoa jurídica para prestação de serviços de medicina e segurança do trabalho. Foi recebido

Leia mais

PORTARIA Nº 236, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2014.

PORTARIA Nº 236, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2014. PORTARIA Nº 236, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2014. Regulamenta o credenciamento de empresas de tecnologia para geração de códigos de segurança cifrados (CSC) inseridos em códigos bidimensionais de resposta rápida

Leia mais

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO SUPERVISÃO DA COMISSÃO DE LICITAÇÃO RESPOSTA À IMPUGNAÇÃO

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO SUPERVISÃO DA COMISSÃO DE LICITAÇÃO RESPOSTA À IMPUGNAÇÃO RESPOSTA À IMPUGNAÇÃO A Assembleia Legislativa do Estado do Espírito Santo, por intermédio da Pregoeira Substituta designada pelo Ato da Mesa Diretora nº 923, publicado no Diário do Poder Legislativo de

Leia mais

Faculdade Energia de Administração e Negócios FEAN Credenciada pela Portaria MEC Nº 1757/2000 DOU 31/10/2000 EDITAL Nº 001/2015

Faculdade Energia de Administração e Negócios FEAN Credenciada pela Portaria MEC Nº 1757/2000 DOU 31/10/2000 EDITAL Nº 001/2015 Faculdade Energia de Administração e Negócios FEAN Credenciada pela Portaria MEC Nº 1757/2000 DOU 31/10/2000 EDITAL Nº 001/2015 O Diretor da Faculdade Energia de Administração e Negócios (FEAN), instituição

Leia mais

Workshop de Qualificação para a Décima Primeira Rodada de Licitações Manifestação de Interesse. Qualificação Jurídica

Workshop de Qualificação para a Décima Primeira Rodada de Licitações Manifestação de Interesse. Qualificação Jurídica Workshop de Qualificação para a Décima Primeira Rodada de Licitações Manifestação de Interesse Qualificação Jurídica Regularidade Fiscal e Trabalhista Mileno Feitosa Jr. Superintendência de Promoção de

Leia mais

Documentação necessária para trabalhos de estrangeiros em parques de construção de usinas eólicas. Autor JULIANO ALEXANDRE CHANDRETTI Data 02/09/2013

Documentação necessária para trabalhos de estrangeiros em parques de construção de usinas eólicas. Autor JULIANO ALEXANDRE CHANDRETTI Data 02/09/2013 Documentação necessária para trabalhos de estrangeiros em parques de construção de usinas eólicas Autor JULIANO ALEXANDRE CHANDRETTI Data 02/09/2013 A CPFL Energias Renováveis S.A é a maior empresa de

Leia mais

RESOLUÇÃO N, DE DE DE 2012.

RESOLUÇÃO N, DE DE DE 2012. RESOLUÇÃO N, DE DE DE 2012. Regulamenta a aplicação da Convenção da Cidade do Cabo e seu Protocolo Relativo a Questões Específicas ao Equipamento Aeronáutico. A DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE AVIAÇÃO

Leia mais

Circ.Demap/Dilic-571/2013 Brasília, 4 de dezembro de 2013 Pt. 1301581740

Circ.Demap/Dilic-571/2013 Brasília, 4 de dezembro de 2013 Pt. 1301581740 1 Circ.Demap/Dilic-571/2013 Brasília, 4 de dezembro de 2013 Pt. 1301581740 Às Licitantes da Concorrência Internacional Demap nº 133/2013 Prezados Senhores: Referimo-nos ao Edital da Concorrência Internacional

Leia mais

Data) 31/08/2015. Empresa) Motorola. Questionamento 01. Questionamentos sobre itens do Projeto Básico. 1. Consoles de Despacho - CeCoCo

Data) 31/08/2015. Empresa) Motorola. Questionamento 01. Questionamentos sobre itens do Projeto Básico. 1. Consoles de Despacho - CeCoCo Questionamentos RDC 1/2015 Data) 31/08/2015 Empresa) Motorola Questionamento 01 Questionamentos sobre itens do Projeto Básico 1. Consoles de Despacho - CeCoCo 4.3 Instalação do Centro de Controle A maioria

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE ALÉM PARAÍBA DEPARTAMENTO DE LICITAÇÕES

PREFEITURA MUNICIPAL DE ALÉM PARAÍBA DEPARTAMENTO DE LICITAÇÕES REQUERIMENTO DE INSCRIÇÃO Pessoa Física Requerimento composto de 05 páginas: 1. página 01: IDENTIFICAÇÃO E DO FORNECEDOR; 2. página 02: ENQUADRAMENTO NA CATEGORIA; 3. página 03 e 04: RELAÇÃO DE DOCUMENTOS

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 309, DE 18 DE MARÇO DE 2014.

RESOLUÇÃO Nº 309, DE 18 DE MARÇO DE 2014. RESOLUÇÃO Nº 309, DE 18 DE MARÇO DE 2014. Regulamenta a aplicação da Convenção da Cidade do Cabo e seu Protocolo Relativo a Questões Específicas ao Equipamento Aeronáutico. A DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL

Leia mais

Estado do Amazonas PREFEITURA MUNICIPAL DE TONANTINS CNPJ: 04.628.608/0001-16 Endereço: Rua Leopoldo Peres, s/n Centro, Tonantins AM

Estado do Amazonas PREFEITURA MUNICIPAL DE TONANTINS CNPJ: 04.628.608/0001-16 Endereço: Rua Leopoldo Peres, s/n Centro, Tonantins AM EDITAL CONVITE Nº 002/2015 1 PREÂMBULO 1.1. A, através da COMISSÃO MUNICIPAL DE LICITAÇÃO CML, adiante denominada simplesmente CML, CONVIDA essa firma para participar do certame licitatório, na modalidade

Leia mais

EMPRESA MUNICIPAL DE INFORMÁTICA S/A IPLANRIO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO ESCLARECIMENTO PROCESSO 01.300.493/2012 PE 0101/2013

EMPRESA MUNICIPAL DE INFORMÁTICA S/A IPLANRIO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO ESCLARECIMENTO PROCESSO 01.300.493/2012 PE 0101/2013 EMPRESA MUNICIPAL DE INFORMÁTICA S/A IPLANRIO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO ESCLARECIMENTO PROCESSO 01.300.493/2012 PE 0101/2013 1 - No ANEXO II, TERMO DE REFERÊNCIA ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS, Notebooks

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Prefeitura Municipal de Boa Vista do Buricá SECRETARIA MUNICIPAL DE AGRICULTURA EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2014

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Prefeitura Municipal de Boa Vista do Buricá SECRETARIA MUNICIPAL DE AGRICULTURA EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2014 ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Prefeitura Municipal de Boa Vista do Buricá SECRETARIA MUNICIPAL DE AGRICULTURA EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2014 O Município de Boa Vista do Buricá, comunica aos interessados

Leia mais

ANEXO I MODELO DE CARTAS DE APRESENTAÇÃO DA GARANTIA DE PROPOSTA, DA DOCUMENTAÇÃO DE HABILITAÇÃO E PROPOSTA ECONÔMICA

ANEXO I MODELO DE CARTAS DE APRESENTAÇÃO DA GARANTIA DE PROPOSTA, DA DOCUMENTAÇÃO DE HABILITAÇÃO E PROPOSTA ECONÔMICA ANEXO I MODELO DE CARTAS DE APRESENTAÇÃO DA GARANTIA DE PROPOSTA, DA DOCUMENTAÇÃO DE HABILITAÇÃO E PROPOSTA ECONÔMICA Consulta Pública Concorrência SETOP /2012 Anexo I Modelo de Cartas de Apresentação

Leia mais

PEDIDO DE ESCLARECIMENTO Nº 01 PE Nº 35/2012

PEDIDO DE ESCLARECIMENTO Nº 01 PE Nº 35/2012 PEDIDO DE ESCLARECIMENTO Nº 01 PE Nº 35/2012 Considerando o posicionamento enviado pela área técnica desta CGU-PR, seguem abaixo as respostas ao Pedido de Esclarecimento nº 01 PE nº 35/2012: QUESTIONAMENTOS:

Leia mais

ANEXO VIII. Ref. Pregão Presencial nº. 012/2014 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

ANEXO VIII. Ref. Pregão Presencial nº. 012/2014 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS ANEXO VIII Ref. Pregão Presencial nº. 012/2014 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS PÁGINA 1 DE 6 CONDIÇÕES GERAIS 1. OBJETO Contratação de empresa seguradora para emissão de apólice de seguro de vida em grupo para,

Leia mais

Edital de Chamamento Público nº 001/2016 Protocolo nº 020/2015

Edital de Chamamento Público nº 001/2016 Protocolo nº 020/2015 Edital de Chamamento Público nº 001/2016 Protocolo nº 020/2015 Credenciamento de instituições financeiras interessadas na concessão de empréstimos consignados em folha de pagamento aos empregados desta

Leia mais

BANRISUL ARMAZÉNS GERAIS S.A. EDITAL DE CREDENCIAMENTO Nº 001/2014 Regida pela Lei nº 8.666/93 e suas alterações

BANRISUL ARMAZÉNS GERAIS S.A. EDITAL DE CREDENCIAMENTO Nº 001/2014 Regida pela Lei nº 8.666/93 e suas alterações BANRISUL ARMAZÉNS GERAIS S.A. EDITAL DE CREDENCIAMENTO Nº 001/2014 Regida pela Lei nº 8.666/93 e suas alterações A Banrisul Armazéns Gerais S.A., atendendo ao disposto nos arts. 13 e 25 II da lei nº 8.666/93,

Leia mais

Associação Paranaense de Cultura Centro de Educação Profissional Marista Pio XII EDITAL N.º 02/2013

Associação Paranaense de Cultura Centro de Educação Profissional Marista Pio XII EDITAL N.º 02/2013 EDITAL N.º 02/2013 Dispõe sobre o Processo de Matrícula para os Cursos Técnicos, Concomitantes e Subsequentes ao Ensino Médio para a unidade de Ponta Grossa: Administração Contabilidade Logística Recursos

Leia mais

Serviços Relacionados à Pessoa Jurídica

Serviços Relacionados à Pessoa Jurídica Serviços Relacionados à Pessoa Jurídica Atenção: Documentos apresentados em fotocópia devem ser autenticados em Cartório ou acompanhados dos originais para receberem autenticação do CREA. Documentos obrigatórios

Leia mais

ANEXO II MODELOS DA LICITAÇÃO MODELO N.º 3 DECLARAÇÃO DE PLENO ATENDIMENTO AOS REQUISITOS DE HABILITAÇÃO

ANEXO II MODELOS DA LICITAÇÃO MODELO N.º 3 DECLARAÇÃO DE PLENO ATENDIMENTO AOS REQUISITOS DE HABILITAÇÃO ANEXO II MODELOS DA LICITAÇÃO MODELO N.º 1 CARTA CREDENCIAMENTO MODELO N.º 2 PROPOSTA COMERCIAL MODELO N.º 3 DECLARAÇÃO DE PLENO ATENDIMENTO AOS REQUISITOS DE HABILITAÇÃO MODELO N.º 4 DECLARAÇÃO DE REGULARIDADE

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DE ALAGOAS - UNCISAL

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DE ALAGOAS - UNCISAL EDITAL DE CREDENCIAMENTO PROEX/ EDITAL PARA CREDENCIAMENTO DE PROFISSIONAIS - PESSOAS FÍSICAS - PARA COMPOR O BANCO DE TÉCNICOS ESPECIALIZADOS PARA EXECUÇÃO DO CONVÊNIO Nº. 756036/11, CELEBRADO ENTRE A

Leia mais

b. A empresa nacional é também a única empresa autorizada pela fabricante estrangeira a comercializar tais produtos no país;

b. A empresa nacional é também a única empresa autorizada pela fabricante estrangeira a comercializar tais produtos no país; ESCLARECIMENTOS 3 1) Os documentos de capacidade de fornecimento de alguns itens poderão ser de sub fornecedores? Resposta: Informo que a habilitação técnica tem que ser da empresa participante da licitação

Leia mais

I CURSOS E VAGAS OFERTADAS

I CURSOS E VAGAS OFERTADAS Edital N º 08 /2015 EDITAL PARA PROCESSO SELETIVO ÀS VAGAS DESTINADAS A TRANSFERÊNCIAS EXTERNAS E A PORTADORES DE DIPLOMA DE NÍVEL SUPERIOR PARA INGRESSO NO SEGUNDO SEMESTRE DE 2015 EM CURSOS DE GRADUAÇÃO

Leia mais

EDITAL. Pregão Presencial Nº 000002/2014

EDITAL. Pregão Presencial Nº 000002/2014 Pregão Presencial Nº 000002 Data: 11 de março de 2014 ÀS 08:30 Processo Nº: 000002/2014 PREAMBULO A PREFEITURA MUNICIPAL DE BARRA DE SÃO FRANCISCO, ESTADO DO ESPÍRITO SANTO, com sede na Rua Desembargador

Leia mais

CADASTRO DE FORNECEDORES E RENOVAÇÃO CADASTRAL DME DISTRIBUIÇÃO S/A - DMED DOS PROCEDIMENTOS

CADASTRO DE FORNECEDORES E RENOVAÇÃO CADASTRAL DME DISTRIBUIÇÃO S/A - DMED DOS PROCEDIMENTOS CADASTRO DE FORNECEDORES E RENOVAÇÃO CADASTRAL DME DISTRIBUIÇÃO S/A - DMED DOS PROCEDIMENTOS A Supervisão de Suprimentos é a responsável pelo cadastramento dos fornecedores, bem como pela renovação cadastral

Leia mais

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS Formulário de Requerimento de Averbação e Registro

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS Formulário de Requerimento de Averbação e Registro Formulário de Requerimento de Averbação e Registro Formulário de Requerimento de Averbação e Registro de Contratos e Faturas, em três vias, devidamente preenchido (datilografado, digitado ou manuscrito

Leia mais

Comissão Especial de Licitação Concorrência nº 397/2010 Verificador Independente RESPOSTA AOS QUESTIONAMENTOS REALIZADOS EM 08/02/2011

Comissão Especial de Licitação Concorrência nº 397/2010 Verificador Independente RESPOSTA AOS QUESTIONAMENTOS REALIZADOS EM 08/02/2011 RESPOSTA AOS QUESTIONAMENTOS REALIZADOS EM 08/02/2011 EDITAL DE LICITAÇÃO 1. É dito no item 9.6.3 que os atestados de capacitação técnica a que se refere o item 9.6.1 (I a III) deverão ser fornecidos por

Leia mais

EDITAL Nº 072/2015 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU

EDITAL Nº 072/2015 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EDITAL Nº 072/2015 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU A Diretoria de Pós-graduação e Extensão do Centro Universitário Senac, no uso de suas atribuições, torna pública

Leia mais

INSCRIÇÃO OU RENOVAÇÃO CADASTRAL

INSCRIÇÃO OU RENOVAÇÃO CADASTRAL INSCRIÇÃO OU RENOVAÇÃO CADASTRAL 1. DA ENTREGA DA DOCUMENTAÇÃO 1.1. Os interessados em se inscrever e/ou renovar o Registro Cadastral junto ao GRB deverão encaminhar a documentação a seguir estabelecida,

Leia mais

EDITAL DE DISPENSA DE LICITAÇÃO N 004/2014 TIPO: MENOR PREÇO

EDITAL DE DISPENSA DE LICITAÇÃO N 004/2014 TIPO: MENOR PREÇO EDITAL DE DISPENSA DE LICITAÇÃO N 004/2014 TIPO: MENOR PREÇO (PROCESSO N 2014/11/267) O Instituto de Previdência dos Servidores do Município de Paranaguá, por sua Comissão Permanente de Licitação, designada

Leia mais

Serviços Relacionados à Pessoa Jurídica

Serviços Relacionados à Pessoa Jurídica Serviços Relacionados à Pessoa Jurídica Atenção: Documentos apresentados em fotocópia devem ser autenticados em Cartório ou acompanhados dos originais para receberem autenticação do CREA. Documentos obrigatórios

Leia mais

CLÁUSULA SEGUNDA - DA VINCULAÇÃO AO EDITAL

CLÁUSULA SEGUNDA - DA VINCULAÇÃO AO EDITAL PROCESSO Nº 01550.000345/2009-46. PREGÃO Nº 26/2009. ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 1/2010. A FUNDAÇÃO CASA DE RUI BARBOSA, pessoa jurídica de direito público vinculada a Ministério da Cultura, com sede

Leia mais

MUNICÍPIO DE PORTO FERREIRA Estado de São Paulo DIVISÃO DE SUPRIMENTOS Seção de Licitações e Contratos

MUNICÍPIO DE PORTO FERREIRA Estado de São Paulo DIVISÃO DE SUPRIMENTOS Seção de Licitações e Contratos INSTRUÇÕES GERAIS PARA OBTENÇÃO DO C.R.C. (CERTIFICADO DE REGISTRO CADASTRAL), CONFORME DISPOSTO NA LEI Nº 8.666/93 1. CADASTRAMENTO 1.1 PROCEDIMENTO 1.1.1 A empresa interessada em obter o Certificado

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS - COPASA MG EDITAL DE CREDENCIAMENTO SPAL 01/2014

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS - COPASA MG EDITAL DE CREDENCIAMENTO SPAL 01/2014 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS - COPASA MG EDITAL DE CREDENCIAMENTO SPAL 01/2014 CAPÍTULO PRIMEIRO - DA FINALIDADE 1.1 A Companhia de Saneamento de Minas Gerais - COPASA MG, com endereço à Rua

Leia mais

CONTRATO DE COMPRA E VENDA PREGÃO ELETRÔNICO Nº 38/11 - REGISTRO DE PREÇOS PROCESSO N 2365-09.00/11-0 AJDG Nº 84/12

CONTRATO DE COMPRA E VENDA PREGÃO ELETRÔNICO Nº 38/11 - REGISTRO DE PREÇOS PROCESSO N 2365-09.00/11-0 AJDG Nº 84/12 CONTRATO DE COMPRA E VENDA PREGÃO ELETRÔNICO Nº 38/11 - REGISTRO DE PREÇOS PROCESSO N 2365-09.00/11-0 AJDG Nº 84/12 O ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, por intermédio da PROCURADORIA- GERAL DE JUSTIÇA, órgão

Leia mais

Edital 2/2015 PROGRAD

Edital 2/2015 PROGRAD Edital 2/2015 PROGRAD A Pró-Reitoria de Graduação da Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PROGRAD/PUC Goiás), com sede à Avenida Universitária, 1.440, CEP 74605-900 - S. Universitário, Goiânia -

Leia mais

RECIBO DE RETIRADA PROCESSO Nº 11.628/2005 EDITAL DE CONVITE N.º 05/2005

RECIBO DE RETIRADA PROCESSO Nº 11.628/2005 EDITAL DE CONVITE N.º 05/2005 SCS, Qd. 02, Bl. B, Edifício Palácio do Comércio, Sala 501 Brasília-DF Tel: (61) 224-4385 e-mail: cofecon@cofecon.org.br RECIBO DE RETIRADA PROCESSO Nº 11.628/2005 EDITAL DE CONVITE N.º 05/2005 RAZÃO SOCIAL:

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS - COPASA MG EDITAL DE CREDENCIAMENTO SPAL 03/2014

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS - COPASA MG EDITAL DE CREDENCIAMENTO SPAL 03/2014 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS - COPASA MG EDITAL DE CREDENCIAMENTO SPAL 03/2014 CAPÍTULO PRIMEIRO - DA FINALIDADE 1.1 A Companhia de Saneamento de Minas Gerais - COPASA MG, com endereço à Rua

Leia mais

EDITAL 006/2013 DG/CEPR

EDITAL 006/2013 DG/CEPR EDITAL 006/2013 DG/CEPR CONCESSÃO DE VAGAS GRATUITAS POR PROCESSO SELETIVO ELETRÔNICO (VIA INTERNET) PARA A 1ª SÉRIE (ANO) DO CURSO BÁSICO DO CENTRO DE LÍNGUAS ESTRANGEIRAS MODERNAS (CELEM) PARA O ANO

Leia mais

Curso Série Turno Vagas 2ª Manhã 5 (cinco) 2ª Noite 5 (cinco ADMINISTRAÇÃO 3ª Manhã 5 (cinco 4ª Manhã 2 (duas) 5ª Noite 5 (cinco)

Curso Série Turno Vagas 2ª Manhã 5 (cinco) 2ª Noite 5 (cinco ADMINISTRAÇÃO 3ª Manhã 5 (cinco 4ª Manhã 2 (duas) 5ª Noite 5 (cinco) Edital N o. 11/2014 EDITAL PARA PROCESSO SELETIVO ÀS VAGAS DESTINADAS A TRANSFERÊNCIAS EXTERNAS E A PORTADORES DE DIPLOMA DE NÍVEL SUPERIOR PARA INGRESSO NO SEGUNDO SEMESTRE DE 2014 EM CURSOS DE GRADUAÇÃO

Leia mais

EDITAL PROCESSO SELETIVO PARA TRANSFERÊNCIA EXTERNA E PORTADOR DE DIPLOMA DE GRADUAÇÃO 2013/1

EDITAL PROCESSO SELETIVO PARA TRANSFERÊNCIA EXTERNA E PORTADOR DE DIPLOMA DE GRADUAÇÃO 2013/1 EDITAL PROCESSO SELETIVO PARA TRANSFERÊNCIA EXTERNA E PORTADOR DE DIPLOMA DE GRADUAÇÃO 2013/1 O Presidente da Comissão de Processo Seletivo Unificado, torna público por meio do presente Edital, que serão

Leia mais

EDITAL CEPS 002/2016 PROCESSO SELETIVO PARA TRANSFERÊNCIA EXTERNA E PORTADOR DE DIPLOMA DE GRADUAÇÃO 2016/1

EDITAL CEPS 002/2016 PROCESSO SELETIVO PARA TRANSFERÊNCIA EXTERNA E PORTADOR DE DIPLOMA DE GRADUAÇÃO 2016/1 PROCESSO SELETIVO PARA TRANSFERÊNCIA EXTERNA E PORTADOR DE DIPLOMA DE GRADUAÇÃO 2016/1 O Presidente da Comissão de Processo Seletivo Especial Unificado, torna público por meio do presente Edital, que serão

Leia mais

Departamento Regional Minas Gerais ERRATA Nº 01/2014

Departamento Regional Minas Gerais ERRATA Nº 01/2014 Serviço Social do Comércio Departamento Regional Minas Gerais Processo nº 14595/2012 Folha nº Informações e/ou despachos ERRATA Nº 01/2014 Nº do edital: Pregão Presencial nº 0054/2014 Área Técnica Responsável:

Leia mais

ANEXO VII MODELOS DE DECLARAÇÕES

ANEXO VII MODELOS DE DECLARAÇÕES ANEXO VII MODELOS DE DECLARAÇÕES SUMÁRIO I - MODELO DE SOLICITAÇÃO DE ESCLARECIMENTOS... 3 II - TERMOS E CONDIÇÕES MÍNIMOS DO SEGURO-GARANTIA PARA GARANTIA DE PROPOSTA... 4 III - MODELO DE FIANÇA-BANCÁRIA

Leia mais

TERMO DE CONVOCAÇÃO Nº. 012/14 MODALIDADE: CONVITE PROCESSO: 300/2014

TERMO DE CONVOCAÇÃO Nº. 012/14 MODALIDADE: CONVITE PROCESSO: 300/2014 TERMO DE CONVOCAÇÃO Nº. 012/14 MODALIDADE: CONVITE PROCESSO: 300/2014 DATA DE ABERTURA: 27/05/2014 15H (HORÁRIO DE BRASÍLIA) SEDE DO CPB: SETOR BANCÁRIO NORTE QD 02, LT 12, BL F, ED. VIA CAPITAL, 14º ANDAR.

Leia mais

E D I T A L. 1º Para os casos de transferência externa serão aceitas, apenas, as inscrições para áreas afins.

E D I T A L. 1º Para os casos de transferência externa serão aceitas, apenas, as inscrições para áreas afins. EDITAL NRCA-SJP N.º 09/2015 DISPÕE SOBRE OS PROCESSOS DE INGRESSO POR TRANSFERÊNCIA EXTERNA E PORTADOR DE DIPLOMA AOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE FAE SÃO JOSÉ DOS PINHAIS. O Coordenador do Núcleo

Leia mais

EDITAL Nº 068/2014 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU

EDITAL Nº 068/2014 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EDITAL Nº 068/2014 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU A Diretoria de Pós-graduação e Extensão do Centro Universitário Senac, no uso de suas atribuições, torna pública

Leia mais

PREGÃO Nº 48/2014 PMDF

PREGÃO Nº 48/2014 PMDF GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL POLÍCIA MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DEPARTAMENTO DE LOGÍSTICA E FINANÇAS DIRETORIA DE APOIO LOGÍSTICO E FINANÇAS SEÇÃO DE PROCEDIMENTOS LICITATÓRIOS RESPOSTAS AOS QUESTIONAMENTOS

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE MATO RICO ESTADO DO PARANÁ CNPJ - 95.684.510/0001-31 COMISSÃO MUNICIPAL DE LICITAÇÃO

PREFEITURA MUNICIPAL DE MATO RICO ESTADO DO PARANÁ CNPJ - 95.684.510/0001-31 COMISSÃO MUNICIPAL DE LICITAÇÃO DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA REGISTRO CADASTRAL (Conf. Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993) I - Para a habilitação jurídica: a) Cédula de identidade e registro comercial na repartição competente, para

Leia mais

apresentação da fatura na Secretaria de Administração. Macapá-AP, 23 de julho de 2013. SALIM SANTIAGO LEITE

apresentação da fatura na Secretaria de Administração. Macapá-AP, 23 de julho de 2013. SALIM SANTIAGO LEITE COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CONVIDADO: CARTA CONVITE REPETIÇÃO X Carta-Convite nº: 005/2013 Processo nº : 3003838/2013 TELEFONE/FAX ENDEREÇO CIDADE ESTADO AP O Ministério Público do Estado do Amapá

Leia mais

ANEXO II MODELOS DO EDITAL

ANEXO II MODELOS DO EDITAL ANEXO II MODELOS DO EDITAL 1 SUMÁRIO MODELO N.º 1 - CARTA DE CREDENCIAMENTO... 3 MODELO N.º 2 - PROPOSTA COMERCIAL... 4 MODELO N.º 3 - DECLARAÇÃO DE PLENO ATENDIMENTO AOS REQUISITOS DE HABILITAÇÃO....

Leia mais

SERVIÇOS. Serviços Relacionados à Pessoa Física

SERVIÇOS. Serviços Relacionados à Pessoa Física SERVIÇOS Serviços Relacionados à Pessoa Física Atenção: Documentos apresentados em fotocópia devem ser autenticados em cartório ou acompanhados dos originais para receberem autenticação do CREA. Documentos

Leia mais

CONSELHO FEDERAL DE NUTRICIONISTAS CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS - 3ª Região (SP, MS)

CONSELHO FEDERAL DE NUTRICIONISTAS CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS - 3ª Região (SP, MS) CARTA CONVITE Nº: 008/2013. São Paulo, 04 de junho de 2.013. Processo n.º 042-05/2013 Tipo: MENOR PREÇO Firma: A/C: E-mail: Convidamos a referida empresa a apresentar proposta para atendimento do objeto

Leia mais

CONVITE: 008/2009 DE 03 DE DEZEMBRO DE 2009 ENCERRAMENTO E ABERTURA: - 10 DE DEZEMBRO DE 2009-08:30 h

CONVITE: 008/2009 DE 03 DE DEZEMBRO DE 2009 ENCERRAMENTO E ABERTURA: - 10 DE DEZEMBRO DE 2009-08:30 h CONVITE: 008/2009 DE 03 DE DEZEMBRO DE 2009 ENCERRAMENTO E ABERTURA: - 10 DE DEZEMBRO DE 2009-08:30 h 1.0.OBJETO 1.1 Fornecimento e instalação de Piso Laminado de Madeira de alta resistência para Uso Comercial

Leia mais

E D I T A L Nº 2229/2013

E D I T A L Nº 2229/2013 E D I T A L Nº 2229/2013 MODALIDADE: Convite ABERTURA: Dia 12 de Setembro de 2013, às 10:00 horas TIPO: Menor preço por item LOCAL DE ABERTURA: Setor de Licitações, localizado na Rua Benjamin Constant,

Leia mais

ANEXO III TRANSAÇÕES SEM CARTÃO PRESENTE

ANEXO III TRANSAÇÕES SEM CARTÃO PRESENTE ANEXO III TRANSAÇÕES SEM CARTÃO PRESENTE O presente Anexo III faz parte integrante do Contrato de Credenciamento ao Sistema Elavon ( CONTRATO ) registrado no 5º Oficial de Registro de Títulos e Documentos

Leia mais

NOTA DE ESCLARECIMENTO 003

NOTA DE ESCLARECIMENTO 003 Página 1 de 10 Processo 00003/2014 Chamada Pública 0001/2014 Objeto: Contratação de empresas especializadas em fornecer Disponibilidade de Potência Elétrica e Geração de Energia Elétrica de 129,1 MW, por

Leia mais

EDITAL DE ABERTURA DO PROCESSO SELETIVO 2016.1 PORTADORES DE DIPLOMA DE NÍVEL SUPERIOR

EDITAL DE ABERTURA DO PROCESSO SELETIVO 2016.1 PORTADORES DE DIPLOMA DE NÍVEL SUPERIOR EDITAL DE ABERTURA DO PROCESSO SELETIVO 2016.1 PORTADORES DE DIPLOMA DE NÍVEL SUPERIOR A Universidade Salvador UNIFACS, em conformidade com seu Regimento Geral, torna pública a abertura das inscrições

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO - UERJ CENTRO DE EDUCAÇÃO E HUMANIDADES INSTITUTO DE PSICOLOGIA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO - UERJ CENTRO DE EDUCAÇÃO E HUMANIDADES INSTITUTO DE PSICOLOGIA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO - UERJ CENTRO DE EDUCAÇÃO E HUMANIDADES INSTITUTO DE PSICOLOGIA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA EDITAL CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA - TURMA

Leia mais

SUPERINTENDÊNCIA DE ÁGUA E ESGOTO AV. HUGO ALESSI Nº 50 B. NDUSTRIAL - FONE: (0**34) 3242-3579/3242-5026 ARAGUARI MG

SUPERINTENDÊNCIA DE ÁGUA E ESGOTO AV. HUGO ALESSI Nº 50 B. NDUSTRIAL - FONE: (0**34) 3242-3579/3242-5026 ARAGUARI MG SUPERINTENDENCIA DE AGUA E ESGOTO DE ARAGUARI DEPARTAMENTO DE LICITAÇÕES E CONTRATOS COMISSÃO ESPECIAL DE CADASTRO/SETOR DE CADASTRO INSTRUÇÕES GERAIS 1. OBJETIVO Estabelecer normas e procedimentos para

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE ALÉM PARAÍBA DEPARTAMENTO DE LICITAÇÕES

PREFEITURA MUNICIPAL DE ALÉM PARAÍBA DEPARTAMENTO DE LICITAÇÕES REQUERIMENTO DE INSCRIÇÃO Pessoa Jurídica Requerimento composto de 05 páginas: 1. página 01: IDENTIFICAÇÃO E DO FORNECEDOR; 2. página 02: ENQUADRAMENTO NA CATEGORIA; 3. página 03 e 04: RELAÇÃO DE DOCUMENTOS

Leia mais

DECRETO N 001 A / 2015 De 02 de janeiro de 2015.

DECRETO N 001 A / 2015 De 02 de janeiro de 2015. DECRETO N 001 A / 2015 De 02 de janeiro de 2015. EMENTA: Regulamenta o Sistema de Registro de Preços SRP previsto no art. 15 da Lei nº 8.666/93, no âmbito do Município de Central Bahia. O PREFEITO DO MUNICÍPIO

Leia mais

Estado: CEP: Fone: Fax: CONTA PARA PAGAMENTO Banco: Agência: Conta Corrente: REPRESENTANTE CREDENCIADO (PREENCHIMENTO DA CÂMARA MUNICIPAL)

Estado: CEP: Fone: Fax: CONTA PARA PAGAMENTO Banco: Agência: Conta Corrente: REPRESENTANTE CREDENCIADO (PREENCHIMENTO DA CÂMARA MUNICIPAL) EMPRESA INTERESSADA Nome/Razão Social: Nome Fantasia: E-mail: E-mail vendas: Site na web: N.º INSCRIÇÃO CNPJ: Estadual: Junta Comercial: Municipal: ENDEREÇO Endereço: Nº: Bairro: Cidade: Estado: CEP: Fone:

Leia mais

Guia da Quarta Rodada de Licitações

Guia da Quarta Rodada de Licitações Guia da Quarta Rodada de Licitações Esse Guia tem como o objetivo, informar e esclarecer possíveis dúvidas em relação a documentos que deverão ser apresentados e valores das Taxas de Participação do processo

Leia mais

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE CAMPINAS EDITAL N o 005/2015 ANEXO 03

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE CAMPINAS EDITAL N o 005/2015 ANEXO 03 ANEXO 03 NORMAS DO PROCESSO SELETIVO DE CANDIDATOS AOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA PUC-CAMPINAS INGRESSO DE PORTADOR DE DIPLOMA DE CURSO SUPERIOR DE GRADUAÇÃO 1 o SEMESTRE DE 2016 CAPÍTULO I DO CALENDÁRIO Art.

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO VERA CRUZ

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO VERA CRUZ ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO VERA CRUZ SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL DE LICITAÇÃO Nº 01/2010 MODALIDADE CONVITE PROCESSO Nº 058/2010 Contratação de serviços

Leia mais

PREGÃO PRESENCIAL N 07/2011-PR/PB PEDIDO DE ESCLARECIMENTO Nº 3

PREGÃO PRESENCIAL N 07/2011-PR/PB PEDIDO DE ESCLARECIMENTO Nº 3 MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL Procuradoria da República na Paraíba PREGÃO PRESENCIAL N 07/2011-PR/PB PEDIDO DE ESCLARECIMENTO Nº 3 Referência: Processo n.º 1.24.000.001591/2011-14. Interessado: OMEGATI COMÉRCIO

Leia mais

REGULAMENTO BANCO DE PREÇOS

REGULAMENTO BANCO DE PREÇOS REGULAMENTO BANCO DE PREÇOS O BANCO DO BRASIL S.A., sociedade de economia mista, com sede em Brasília, Distrito Federal, sito no SBS, Quadra 4, Lote 32, Bloco C, inscrito no CNPJ sob o n.º 00.000.000/0001-91,

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA Secretaria de Infraestrutura MINUTA EDITAL DE PRÉ-QUALIFICAÇÃO INTERNACIONAL N. 01/2013 PROCESSO N.

GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA Secretaria de Infraestrutura MINUTA EDITAL DE PRÉ-QUALIFICAÇÃO INTERNACIONAL N. 01/2013 PROCESSO N. MINUTA INTERNACIONAL N. 01/2013 PROCESSO N.º 0900130000453 A SECRETARIA DE INFRAESTRUTURA DO ESTADO DA BAHIA - SEINFRA, com sede na Avenida Luiz Viana Filho, 4ª Avenida, nº 440, Centro Administrativo da

Leia mais

MINISTÉRIO DO TURISMO SECRETARIA-EXECUTIVA DIRETORIA DE GESTÃO INTERNA COORDENAÇÃO-GERAL DE RECURSOS LOGÍSTICOS Comissão Especial de Licitação

MINISTÉRIO DO TURISMO SECRETARIA-EXECUTIVA DIRETORIA DE GESTÃO INTERNA COORDENAÇÃO-GERAL DE RECURSOS LOGÍSTICOS Comissão Especial de Licitação MINISTÉRIO DO TURISMO SECRETARIA-EXECUTIVA DIRETORIA DE GESTÃO INTERNA COORDENAÇÃO-GERAL DE RECURSOS LOGÍSTICOS Comissão Especial de Licitação Processo nº 72030.00000099/2011-64 Assunto: Respostas aos

Leia mais

((NG))EMPRESA VERT((CL))

((NG))EMPRESA VERT((CL)) ((TITULO))ATA DA CONSULTA PÚBLICA Nº 04/2015 (PERGUNTAS E RESPOSTAS) CONTRATAÇÃO DA ATUALIZAÇÃO TECNOLÓGICA DO ATUAL AMBIENTE VMWARE VSPHERE PARA A SOLUÇÃO VMWARE VCLOUD SUITE, SENDO COMPOSTA PELA ATUALIZAÇÃO

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS ( MINUTA )

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS ( MINUTA ) ATA DE REGISTRO DE PREÇOS ( MINUTA ) ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº: - TERRACAP PROCESSO Nº: Pregão Presencial Nº: VALIDADE:, a partir da publicação no DODF. Aos dias do mês de do ano de dois mil e treze,

Leia mais

ESTADO DE GOIÁS Prefeitura Municipal de Pirenópolis DECRETO N 2.492714. Gabinete DE 31 DE 01 DE 2014.

ESTADO DE GOIÁS Prefeitura Municipal de Pirenópolis DECRETO N 2.492714. Gabinete DE 31 DE 01 DE 2014. DECRETO N 2.492714. DE 31 DE 01 DE 2014. "INSTITUI O GERENCIAMENTO ELETRÔNICO DO ISSQN, A ESCRITURAÇÃO ECONÔMICO- FISCAL E A EMISSÃO DE GUIA DE RECOLHI MENTO POR MEIOS ELETRÔNICOS, RELATI VÁS AO ISSQN

Leia mais

Faculdade Fucapi (INSTITUTO DE ENSINO SUPERIOR FUCAPI) Credenciada Pela Portaria nº. 2.235 do MEC, de 19/12/1997, publicada no DOU de 22/12/1997

Faculdade Fucapi (INSTITUTO DE ENSINO SUPERIOR FUCAPI) Credenciada Pela Portaria nº. 2.235 do MEC, de 19/12/1997, publicada no DOU de 22/12/1997 A Faculdade FUCAPI, sediada em Manaus, Estado do Amazonas, considerando o disposto no inciso II, artigo 44 da Lei 9394/1996 (LDB), combinado com o parágrafo 3º e incisos, do artigo 32 da Portaria MEC-40/2007,

Leia mais

INFORMAÇÕES REFERENTES AOS CURSOS

INFORMAÇÕES REFERENTES AOS CURSOS De acordo com a Lei nº 9.394 de 20/12/96 e o Regimento Geral, a Reitora da Universidade Salvador - UNIFACS, no uso de suas atribuições, torna pública a abertura das inscrições do Processo Seletivo Tradicional

Leia mais

MODULO SERVIDOR DE GERENCIAMENTO DE CHAVES DE ENCRIPTAÇÃO AÉREA OTAR P25, FASE 2

MODULO SERVIDOR DE GERENCIAMENTO DE CHAVES DE ENCRIPTAÇÃO AÉREA OTAR P25, FASE 2 MODULO SERVIDOR DE GERENCIAMENTO DE CHAVES DE ENCRIPTAÇÃO AÉREA OTAR P25, FASE 2 Servidor de Gerenciamento de Chaves de Encriptação Aérea (Criptofonia) OTAR (Over The Air Rekeying), para emprego na rede

Leia mais

MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO. PORTARIA N.º 453, DE 20 DE NOVEMBRO DE 2014 (DOU de 1º/12/2014 Seção I Pág. 98)

MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO. PORTARIA N.º 453, DE 20 DE NOVEMBRO DE 2014 (DOU de 1º/12/2014 Seção I Pág. 98) MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO PORTARIA N.º 453, DE 20 DE NOVEMBRO DE 2014 (DOU de 1º/12/2014 Seção I Pág. 98) Estabelece procedimentos para o credenciamento de laboratórios pelo Ministério do Trabalho

Leia mais

Leis sobre TV paga - TV por Satélite REGULAMENTO SERVIÇO DE TRANSPORTE DE SINAIS DE TELECOMUNICAÇÕES POR SATÉLITE. Capítulo I DAS GENERALIDADES

Leis sobre TV paga - TV por Satélite REGULAMENTO SERVIÇO DE TRANSPORTE DE SINAIS DE TELECOMUNICAÇÕES POR SATÉLITE. Capítulo I DAS GENERALIDADES Leis sobre TV paga - TV por Satélite REGULAMENTO SERVIÇO DE TRANSPORTE DE SINAIS DE TELECOMUNICAÇÕES POR SATÉLITE Capítulo I DAS GENERALIDADES Art. 1o Este Regulamento dispõe sobre Serviço de Transporte

Leia mais

ESCOLA SUPERIOR DO MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO E TECNOLOGIA NÚCLEO DE LOGÍSTICA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS

ESCOLA SUPERIOR DO MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO E TECNOLOGIA NÚCLEO DE LOGÍSTICA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS ESCOLA SUPERIOR DO MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO E TECNOLOGIA NÚCLEO DE LOGÍSTICA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO Nº 09/2007 PROCESSO Nº 0.01.000.000879/2007-37 VALIDADE: 1 (um)

Leia mais

RECONHECIMENTO DE DIPLOMA DE PÓS-GRADUAÇAO DE MESTRADO E DOUTORADO OBTIDO EM INSTITUIÇÃO ESTRANGEIRA

RECONHECIMENTO DE DIPLOMA DE PÓS-GRADUAÇAO DE MESTRADO E DOUTORADO OBTIDO EM INSTITUIÇÃO ESTRANGEIRA RECONHECIMENTO DE DIPLOMA DE PÓS-GRADUAÇAO DE MESTRADO E DOUTORADO OBTIDO EM INSTITUIÇÃO ESTRANGEIRA De acordo com a Resolução Complementar nº01/2007, de 8/11/2007, Art.1º, a Universidade Federal de Minas

Leia mais

Grupo Educacional IPEC-FAPPES. CREDENCIADO PELO MEC. DECRETO N 485 de 09/02/2006. Manual do Candidato. Vestibular FAPPES 2014

Grupo Educacional IPEC-FAPPES. CREDENCIADO PELO MEC. DECRETO N 485 de 09/02/2006. Manual do Candidato. Vestibular FAPPES 2014 Grupo Educacional IPEC-FAPPES CREDENCIADO PELO MEC. DECRETO N 485 de 09/02/2006 Manual do Candidato Vestibular FAPPES 2014 r www.fappes.edu.b 1. Disposições Gerais 1.1. O Processo Seletivo consiste na

Leia mais

CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº221/2014 CONTRATO QUE ENTRE SI FAZEM O MUNICÍPIO DE GUAPORÉ E A EMPRESA ZAFRA SUL INDÚSTRIA DE UNIFORMES PROFISSIONAIS LTDA.

CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº221/2014 CONTRATO QUE ENTRE SI FAZEM O MUNICÍPIO DE GUAPORÉ E A EMPRESA ZAFRA SUL INDÚSTRIA DE UNIFORMES PROFISSIONAIS LTDA. CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº221/2014 CONTRATO QUE ENTRE SI FAZEM O E A EMPRESA ZAFRA SUL INDÚSTRIA DE UNIFORMES PROFISSIONAIS LTDA. O, Pessoa Jurídica de Direito Público Interno, sita a Av. Silvio Sanson,

Leia mais

22100022.12.362.014.21747.0700000.33903000.51.0.30-4955

22100022.12.362.014.21747.0700000.33903000.51.0.30-4955 Convite N.º 003/2015 Natureza da Despesa Funcional Programática Data da Emissão 15 de Junho de 2015 Data da Licitação 22 de Junho de 2015 Horário da Licitação 08:00h Tipo de Licitação Aquisição de Material

Leia mais

Art. 5º. Cada candidato concorrerá a uma das vagas dos seguintes cursos:

Art. 5º. Cada candidato concorrerá a uma das vagas dos seguintes cursos: EDITAL VESTIBULAR - 1º SEMESTRE 2016 CENTRO UNIVERSITÁRIO SENAC O reitor do Centro Universitário Senac, no uso de suas atribuições legais, estabelece as normas e os procedimentos para o Processo Seletivo

Leia mais

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE HANDEBOL

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE HANDEBOL EDITAL DE LICITAÇÃO nº 002/2012 TOMADA DE PREÇOS PARA PRESTADORES DE SERVIÇOS E PRESTAÇÕES DE CONTAS NA GESTÃO DE PROJETOS A CBHb, de acordo com a Lei 10.264 de 16 de julho de 2001 Lei Agnelo/Piva, regulamentada

Leia mais

Procedimentos da Rodada. Ivan Araújo Simões Filho Superintendente de Promoção de Licitações

Procedimentos da Rodada. Ivan Araújo Simões Filho Superintendente de Promoção de Licitações Procedimentos da Rodada Ivan Araújo Simões Filho Superintendente de Promoção de Licitações Quarta Rodada de Licitações Procedimentos semelhantes aos das Rodadas anteriores Dois estágios Qualificação Ofertas

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA BAHIA DECRETO JUDICIÁRIO Nº 13/2006

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA BAHIA DECRETO JUDICIÁRIO Nº 13/2006 PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA BAHIA DECRETO JUDICIÁRIO Nº 13/2006 Regulamenta a inscrição, renovação, suspensão e cancelamento de registro no Cadastro de Fornecedores do Poder Judiciário

Leia mais

Servidor de Gerenciamento de Chaves de Encriptação Aérea OTAR

Servidor de Gerenciamento de Chaves de Encriptação Aérea OTAR Servidor de Gerenciamento de Chaves de Encriptação Aérea OTAR P25 Fase 1 Requisitos Gerais Servidor de Gerenciamento de Chaves de Encriptação (Criptofonia) OTAR (Over The Air Rekeying), para emprego na

Leia mais

5 Elementos Instituto de Educação e Pesquisa Ambiental. CONVITE Nº. 0006/2009 Contrato 045/2009. Prezados Senhores:

5 Elementos Instituto de Educação e Pesquisa Ambiental. CONVITE Nº. 0006/2009 Contrato 045/2009. Prezados Senhores: CONVITE Nº. 0006/2009 Contrato 045/2009 Prezados Senhores: A ONG 5 Elementos Instituto de Educação e Pesquisa Ambiental, em conformidade com a redação em vigor da Lei Federal nº 8.666/93, Lei Estadual

Leia mais

Quais são as 4 principais certidões indispensável para participar em uma licitação?

Quais são as 4 principais certidões indispensável para participar em uma licitação? Quais são as 4 principais certidões indispensável para participar em uma licitação? As certidões indispensáveis à participação nas licitações, conforme previsto no artigo 27 da Lei 8.666/93, são: certidão

Leia mais

Carta Convite LICITAÇÃO PARA CONFECÇÃO DE MATERIAL GRÁFICO

Carta Convite LICITAÇÃO PARA CONFECÇÃO DE MATERIAL GRÁFICO Carta Convite LICITAÇÃO PARA CONFECÇÃO DE MATERIAL GRÁFICO CARTA CONVITE Nº 001/2015 A Associação de Centro de Treinamento de Educação Física Especial CETEFE, situada em SAIS Área 2ª ED. ENAP Ginásio de

Leia mais

2.1 O PROME Internacional é destinado a estudantes de graduação da UDESC que preencham aos seguintes requisitos:

2.1 O PROME Internacional é destinado a estudantes de graduação da UDESC que preencham aos seguintes requisitos: EDITAL PROME INTERNACIONAL Nº 02/2015 O Reitor da Universidade do Estado de Santa Catarina UDESC, com base na Resolução nº 52/2014 - CONSUNI e alterações, e objetivando a CHAMADA 02/2015 do Programa de

Leia mais