Instituição pretende lançar diferentes linhas para atender, principalmente, fornecedores da Petrobras

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Instituição pretende lançar diferentes linhas para atender, principalmente, fornecedores da Petrobras"

Transcrição

1 Publicação dos Despachos da Junta Comercial do Estado do Rio de Janeiro PÁGINAS 4 e 5 1ª Fase 1875 a ª Fase Ano I Edição nº 217 Câmbio (R$) Dólar / BC Compra Venda Paralelo 1,770 1,870 Comercial 1,704 1,706 Turismo 1,637 1,763 Euro / BC 2,374 2,377 Ouro (R$) Grama 78,000 Variação +2,97 Blue Chips % BMF Bovespa ON +1,54 Bradesco PN +1,27 Gerdau PN +0,54 Itaú Unibanco PN +0,90 Petrobras PN +0,21 Sid Nacional PN -1,72 Vale PNA +0,09 Economia A América Latina Logística (ALL) projeta investir R$ 700 milhões e crescer em 10% os volumes transportados em A estimativa não considera os novos projetos em estudo, como o de transporte de minério de ferro no Mato Grosso do Sul. PÁGINA 3 Empresas A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) voltou a registrar fuga de capital estrangeiro nesta sexta-feira e fechou em queda de 0,18%, aos ,73 pontos. O volume financeiro atingiu R$ 6,213 bilhões, ante R$ 7,323 bilhões na véspera. PÁGINA 6 Juarez Domingues Carneiro Análise Contábil Após quatro meses do início da campanha SOS Santana do Mundaú (AL) e Água Preta (PE), foi assinado em Florianópolis dia 20 deste mês, um termo de compromisso para dar novo impulso à campanha. PÁGINA 6 Sábado, 23, Domingo, 24, e Segunda-feira, 25 de Outubro de 2010 R$ 1,00 Instituição pretende lançar diferentes linhas para atender, principalmente, fornecedores da Petrobras A presidente da Caixa Econômica Federal, Maria Fernanda Ramos Coelho, disse que a instituição pretende ser um dos três maiores bancos inseridos no mercado de petróleo e gás do País nos próximos três anos. Estamos em uma fase de estabelecer o primeiro relacionamento com essa cadeia; é também uma fase de aprendizado para a Caixa, disse Maria Fernanda, nesta sexta-feira, durante a Santos Offshore Oil & Gas Expo 2010, o maior evento do setor do Estado de São Paulo. A Caixa pretende lançar diferentes linhas de crédito para atender ao mercado, principalmente aos fornecedores da Petrobras. Você tem linhas de crédito que podem ser tanto para capital de giro como para investimentos; então, dependendo da demanda e da capacidade da empresa, você opera de um jeito, explicou. Segundo a executiva, o objetivo é que, no futuro, a imagem do banco estatal seja tão forte no mercado de petróleo e gás como é hoje na habitação. PÁGINA 3 Em evento na sede da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), o presidente do BNDES, Luciano Coutinho, afirmou ontem que medidas precisam ser tomadas pelo governo para evitar que o real valorizado frente ao dólar reduza a competitividade de empresas nacionais no mercado internacional. A apreciação da taxa de câmbio é nociva, disse. Para Coutinho, a valorização da moeda nacional é, em parte, causada por uma guerra cambial. Neste contexto, certos países tentam proteger suas indústrias reduzindo o valor da moeda local no mercado externo, facilitando as exportações de suas empresas. PÁGINA 5 Fabio Rodrigues Pozzebom / ABr Coutinho: A apreciação da taxa de câmbio é nociva PÁGINA 5 Maria Fernanda Ramos Coelho: Estamos em uma fase de estabelecer o primeiro relacionamento com essa cadeia Cerca de 40 mil empresas serão abertas no Estado do Rio de Janeiro até o fim do ano. A afirmação é de Carlos De La Rocque, presidente da Junta Comercial do Rio de Janeiro (Jucerja). De acordo com os dados divulgados pelo órgão, o número de novas empresas que iniciaram suas atividades em 2010 chegou a Ainda temos mais outubro, novembro e dezembro. Está dando cerca de 3 mil (empresas) por mês. A gente vai bater 40 mil, disse De La Rocque. Caso a previsão de fato se Levantamento do Procon- SP revela que a taxa média de juros do cheque especial apresentou ligeira alta em outubro e chegou a 9,11%, aumento de 0,01 ponto percentual na comparação com setembro (9,1%). A pesquisa apontou também que a taxa média dos juros no empréstimo pessoal manteve-se estável, em 5,35% ao mês. O levantamento feito pelo Procon-SP analisou as taxas cobradas pelo Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, HSBC, Itaú, Safra e Santander. PÁGINA 2 Renato Araújo / ABr confirme, o número representará um acréscimo de 10% em relação ao total de empresas abertas no ano de Acho que o Estado está crescendo como um todo. O astral do Rio está mudando. As perspectivas de negócio são interessantes. A nossa renda média cresceu mais do que a média nacional, analisou o presidente da Jucerja. Os segmentos mais procurados para a abertura de empreendimentos são vestuário e acessórios; restaurantes, bares e similares; perfumaria e cosméticos e informática. PÁGINA 9 Segundo dados da Serasa Experian, a atividade econômica brasileira registrou leve alta de 0,3% em agosto em relação a julho. No trimestre encerrado em agosto, a atividade caiu 0,2%, após a alta de 0,3% nos três meses encerrados em julho. Na comparação com agosto do ano passado, a economia cresceu 6,7% em igual mês deste ano. No acumulado dos oito primeiros meses de 2010, a atividade registrou expansão de 8,3% ante o mesmo período de PÁGINA 2

2 2 Sábado, 23, Domingo, 24, e Segunda-feira, 25 de Outubro de 2010ECONOMIA No acumulado dos oito primeiros meses de 2010, economia registrou expansão de 8,3% Fabrício de Castro A atividade econômica brasileira registrou leve alta de 0,3% em agosto em relação a julho, conforme dados divulgados ontem pela Serasa Experian, empresa especializada em análise de crédito. No trimestre encerrado em agosto, a atividade econômica caiu 0,2%, após a alta de 0,3% nos três meses encerrados em julho. Os números fazem parte do Indicador Serasa Experian de Atividade Econômica (PIB mensal). Na comparação com agosto do ano passado, a economia brasileira cresceu 6,7% em agosto deste ano. No acumulado dos oito primeiros meses de 2010, a atividade econômica registrou expansão de 8,3% ante o mesmo período do ano passado. Para os técnicos da Serasa Experian, os resultados anunciados mostram que o PIB do terceiro trimestre caminha para uma taxa de expansão próxima de zero em relação ao segundo trimestre de 2010, confirmando o atual processo de desaceleração do ritmo de crescimento econômico após forte avanço registrado durante o primeiro trimestre deste ano. Segundo os economistas, fatores como o fim dos estímulos fiscais à aquisição de veículos e bens duráveis, o aperto monetário conduzido pelo Banco Central entre abril e setembro e o enfraquecimento da economia mundial levam ao crescimento mais moderado da economia. Pelo lado da demanda, o indicador apontou um crescimento de 0,5% do consumo das famílias e de 0,2% do consumo do governo em agosto ante julho. No mesmo período, a Formação Bruta de Capital Fixo (investimentos) cresceu 2,4%, as exportações de bens e serviços avançou 4,8% e a importação teve alta de 0,5%. Sob o ponto de vista da oferta, a agropecuária apresentou queda de 0,3% na atividade econômica em agosto ante julho. Já a indústria registrou alta de 0,8%, enquanto o setor de serviços avançou 0,5%. Eduardo Rodrigues Apesar de os Estados Unidos terem descumprido uns dos itens do acordo que evitou que o Brasil retaliasse bens e patentes americanas, possibilidade que foi estabelecida pela Organização Mundial do Comércio (OMC) no caso do contencioso do algodão, o governo brasileiro não deve aplicar de imediato as sanções a que tem direito. O chefe do Departamento Econômico do Itamaraty, Carlos Márcio Cozendey, disse que os IMPORTAÇÃO Eduardo Rodrigues A Receita Federal confirmou, por meio de nota, que desencadeou medida de combate a irregularidades nas operações de comércio exterior nas importações de produtos de aço. Pela manhã, a Receita havia negado que houvesse qualquer medida em vigor para restringir as importações de aço. Na prática, desde o início deste mês, a Receita ampliou os esforços de fiscalização na entrada dessas mercadorias no País, para evitar o subfaturamento das notas de importação. De acordo com o Fisco, foram constatadas compras de produtos de aço no exterior a preços inferiores àqueles declarados nas importações de suas respectivas matérias-primas, o que caracterizaria indício de fraude de valor aduaneiro. A medida adotada pela Aduana Brasileira arbitra um preço de referência para as mercadorias, com base no preço dos produtos de fabricação nacional que são exportados e no preço dos mesmos no mercado internacional. Desta forma, as alíquotas dos tributos cobrados na entrada no País incidem sobre esse preço de referência e não sobre o declarado nas faturas, caso seja inferior. A Receita ressaltou, no entanto, que a medida não estabelece uma lista de preços mínimos para o setor, mas sim um patamar médio de referência. negociadores americanos prometeram, na reunião da última quarta-feira em Washington, definir nos próximos dias um novo prazo para tentarem obter a liberação sanitária. Eles indicaram empenho em resolver o mais rápido possível. A nossa expectativa é de que eles informem um novo prazo em breve, afirmou. O Brasil decidiu, portanto, esperar um pouco mais. Reportagem divulgada quinta-feira pela Agência Estado mostrou que os americanos estariam vulneráveis a uma possível retaliação comercial por parte do Brasil, devido ao fato de não terem cumprido a promessa de abrir o mercado para a carne de porco produzida em Santa Catarina até o dia 30 de setembro. Para Cozendey, a possibilidade de retaliação existe, porque a questão da carne suína de Santa Catarina, apesar de não constar no acordo principal entre os dois países, que até o momento teria sido cumprido satisfatoriamente, é encarada pelo governo brasileiro como um compromisso político dos americanos. Caso não haja uma resposta positiva até a próxima reunião da Câmara de Comércio Exterior (Camex), em 17 de novembro, o assunto deverá ser discutido pelos ministros do conselho. No entanto, ponderou Cozendey, desde o início do contencioso do algodão as autoridades brasileiras optaram por buscar um acordo antes de efetivamente aplicar sobretaxas ou quebrar patentes de produtos americanos. De qualquer maneira, nunca houve a necessidade de retaliar, até porque esse nunca foi o objetivo, mas sim resolver a questão do algodão, disse. O Centro das Indústrias de Curtumes do Brasil (CICB) confirmou, ontem, que a receita com vendas externas de couros no acumulado dos nove primeiros meses do ano, ante o igual período de 2009, atingiu US$ 1,3 bilhão, alta de 65%. Em setembro, as exportações somaram US$ 127,7 milhões, queda de 17%. Em volume, os embarques de peças de couro aumentaram 15% no ano até setembro, mas caíram 16% ante agosto e 20% na comparação com setembro de Os dados da entidade foram baseados nas informações da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) do Ministério da Indústria, Desenvolvimento e Comércio Exterior (MDIC), com prévia divulgada pelo CICB no último dia 6. Levando em conta os últimos três meses deste ano, chegamos à conclusão de que dificilmente o setor curtidor conseguirá manter o ritmo atual de exportar US$ 160 milhões/mês, devido ao contínuo aumento do enfraquecimento da moeda norte-americana que vem castigando duramente a indústria curtidora, afirmou o presidente do CICB, Wolfgang Goerlich, em nota. Além da depreciação do dólar ante o real, Goerlich ainda cita outros fatores que acabam prejudicando o desempenho das exportações do setor, como altas taxas de juros, pesada carga tributária, falta de capital de giro, burocracia e apagão logístico dos portos. Nesse último tema, o CICB informa que os prejuízos estimados com a superlotação, altos custos e demora nos portos, estão entre US$ 150 milhões e US$ 200 milhões. Destinos - Os quatro principais mercados do couro brasileiro nos nove primeiros meses do ano foram a Itália, com receita de US$ 284,73 milhões, aumento de 63% ante o igual período de 2009 e com representação de 21,80%; a China, com receita de US$ 281 milhões, 47% a mais do que os nove primeiros meses de 2009 e percentual de 21,51%; Hong Kong, com receita de US$ 156,9 milhões, elevação de 49% e 12% de participação, e Estados Unidos, com US$ 145,26 milhões, incremento de 119% e representação de 11,12%. O interesse por minerais usados na fabricação de fertilizantes vem direcionando a entrada do Brasil na corrida pelas riquezas minerais escondidas no fundo do mar. Segundo o chefe da divisão de Geologia Marinha do Serviço Geológico do Brasil (CPRM), Kaiser Gonçalves de Souza, o setor responde por 80% dos mais de mil pedidos feitos este ano para pesquisa em áreas na plataforma continentala. As áreas mais procuradas são as que têm possibilidade de jazidas de sais de potássio no sul da Bahia e Espírito Santo, contam Souza. O insumo está presente na camada de sal, que naquela região pode chegar a cerca de 3 mil metros de espessura. A corrida pelas riquezas minerais escondidas nos oceanos fez o número de requerimentos feitos à Departamento Nacional de Pesquisa Mineral (DNPM) disparar nos últimos anos. Flávia Albuquerque A taxa média de juros do cheque especial apresentou leve alta em outubro e chegou a 9,11%, acréscimo de 0,01 ponto percentual na comparação com setembro (9,1%), segundo pesquisa do Procon-SP. A taxa média do empréstimo pessoal manteve-se estável, em 5,35% ao mês, sem alteração ante o mês anterior. Apenas um banco aumentou sua taxa do cheque especial passando de 9,51% para 9,55%, aumento de 0,04 ponto percentual, representando uma variação de 0,42% em relação à taxa de setembro. O levantamento feito pelo Procon-SP, no dia 15 de outubro, analisou as taxas cobradas pelo Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, HSBC, Itaú, Safra e Santander. De acordo com nota divulgada nesta sexta-feira pelo órgão de defesa do consumidor, apesar de alguns analistas reconhecerem que a inflação segue pressionada e que a atividade econômica continua aquecida, uma alta dos juros nesse momento impulsionaria ainda mais a valorização do real ante o dólar, movimento que o governo vem tentando combater. De qualquer forma, para o consumidor final as taxas continuam altas e a contratação de empréstimos continua sendo uma operação arriscada, se não for bem planejada. Estamos assistindo a uma expansão do crédito e a uma inadimplência controlada, no entanto, a parcela da renda do consumidor destinada ao pagamento de juros vem aumentando consideravelmente, fruto de financiamentos cada vez mais longos. A cautela deve ser maior ainda na utilização do rotativo do cartão de crédito, informa a nota do Procon-SP. Os seguros de pessoas, que incluem apólices de vida, acidentes pessoais, viagens e proteção contra inadimplência em empréstimos, movimentaram R$ 10,1 bilhões no acumulado do ano, até agosto, expansão de 13,4% na comparação com o igual período do ano passado, segundo dados divulgados pela Federação Nacional de Previdência Privada e Vida (Fenaprevi). O seguro de vida individual acumulou R$ 706,7 milhões em prêmios, alta de 38%. Na avaliação da Fenaprevi, o maior volume de vendas de seguros de vida individual deve-se ao aumento de renda e oferta de crédito, C U R T A principalmente para as classes C e D, que ascenderam e estão tendo mais acesso ao consumo. O maior crescimento ficou com o seguro para viagens, com expansão de 150% e prêmios de R$ 24 milhões. Os seguros prestamistas (que protegem contra inadimplência em empréstimos e financiamentos) cresceram 20,56% no acumulado e movimentaram R$ 2,1 bilhões. Considerando somente os dados de agosto, os seguros de pessoas movimentaram R$ 1,3 bilhão, crescimento 15,29% na comparação com o mesmo mês de O Conselho de Estado da China notificou empresas estrangeiras que elas vão ter de pagar impostos de manutenção das cidades e educação, como já fazem as empresas nacionais, a partir de 1º de dezembro, segundo o jornal japonês Nikkei. Trata-se da mais recente medida em uma campanha do governo para reduzir incentivos fiscais para empresas estrangeiras, e deve elevar a carga fiscal dessas companhias em até 10%. A decisão sugere que a China está fazendo uma mudança estratégica na sua política econômica, se afastando do crescimento impulsionado pelo capital estrangeiro. A China está gradualmente consolidando seus dois tipos de sistemas de impostos, para empresas estrangeiras e nacionais, desde que acelerou as reformas de mercado em Segundo a agência estatal de notícias Xinhua, essa última mudança completa a convergência dos dois sistemas. Soja: plantio avança em MT, mas ainda está atrasado ante 2009 O plantio da soja nesta semana avançou 9,7 pontos percentuais em Mato Grosso e atingiu 1,023 milhão de hectares, que corresponde a 16,4% dos 6,241 milhões de hectares projetados pelo Instituto Matogrossense de Economia Agropecuária (Imea) para esta safra. O levantamento do Imea mostra que, em virtude da falta de chuvas, o plantio está 20,4 pontos porcentuais abaixo do ritmo observado em igual período do ano passado, quando 2,170 milhões de hectares já estavam semeados, o correspondente a 37% da área estimada para a safra 2009/10 pelo Imea na ocasião (5,867 milhões de hectares). Publicação da empresa JGN Editora Ltda. Departamento Comercial e Administração Rua Debret, 23 Sobreloja 116 e 117 Centro - Rio de Janeiro CEP Diretora Geral Elizabeth Campos Comercial: PABX (21) Conselho Editorial: Des. José Geraldo da Fonseca Des. José Lisboa da Gama Malcher Mônica de Cavalcanti Gusmão Redação: (21) / Projeto Gráfico: dtiriba design gráfi co Impressão: Gráfi ca Monitor Mercantil Rua Marcílio Dias, 26 - Centro - RJ Editor- chefe: Jorge Chaves Subeditor: Cláudio Fernandes Diagramação: Miguel Antonio Gomez Heichard Jonas Pavão Artigos & Colunas: Giulliano Miranda Preços de Assinatura Trimestral...R$ 60,00 Semestral...R$ 110,00 Anual...R$ 210,00 Serviço Noticioso Agências Brasil e Estado As matérias e artigos são de responsabilidade dos autores e não representam, necessariamente, a opinião deste jornal

3 A América Latina Logística (ALL) projeta investir R$ 700 milhões e registrar um crescimento nos volumes transportados de 10% em 2011, afirmou ontemn o presidente da companhia, Paulo Basílio. A estimativa não considera os novos projetos em estudo pela empresa, como o de transporte de minério de ferro no Mato Grosso do Sul e o do uso da malha ferroviária da companhia para transportar contêineres. Os projetos estão evoluindo e esperamos anunciar ao mercado novidades sobre um dos dois ainda este ano, afirmou o executivo à imprensa após participar da cerimônia que marcou o ingresso da ALL no Novo Mercado, segmento de listagem da BM&FBovespa com práticas mais rigorosas de governança corporativa. Por uma questão regulatória, que exigia das empresas do setor a figura de um controlador com mais de 50% das ações com direito a voto, a ALL não podia fazer parte do Novo Mercado. A restrição acabou sendo flexibilizada no ano passado pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). Segundo Basílio, a entrada no Novo Mercado e o fim das limitações na estrutura de capital facilitam a estratégia de crescimento da companhia. Questionado se a ALL estuda uma nova emissão de debêntures ou de ações para viabilizar os projetos em estudo, o executivo afirmou que, além dessas alternativas, a empresa pode fechar um acordo com o cliente interessado no transporte - como ocorreu com a Rumo, da Cosan - ou encontrar um terceiro investidor que tenha planos de investir no setor de infraestrutura. No projeto de minério no Mato Grosso do Sul, a ideia é apresentar uma alternativa para o escoamento do produto. As empresas que atualmente atuam na região usam barcaças para escoar a produção de Corumbá pelos rios Paraguai e Paraná. Além do desafio de adaptar a malha ferroviária para o transporte, o projeto depende ainda de um porto em São Paulo com condições de exportar o minério, segundo o presidente da ALL. Em contêineres, a empresa de logística pretende conquistar parte do transporte que hoje é feito majoritariamente por caminhões. A respeito do novo modelo para o setor que o governo pretende implementar, Basílio afirmou que ainda não possui um entendimento completo sobre a proposta, mas vê como uma oportunidade para a companhia a possibilidade de operar em outras malhas ferroviárias. Ele aponta como uma possível preocupação a questão da eficiência na operação com a previsão de várias companhias atuarem em uma mesma ferrovia, o que não acontece no modelo atual. C U R T A S BicBanco recebe US$ 206 milhões do IFC e de bancos internacionais O International Finance Corporation (IFC), braço financeiro do Banco Mundial, anunciou nesta sexta-feira a conclusão de um financiamento para o BicBanco no montante equivalente a US$ 206 milhões. Os recursos vão ser usados pelo banco brasileiro para aumentar os empréstimos a pequenas e médias empresas. Segundo comunicado do IFC, foi a maior operação sindicalizada para uma instituição financeira na América Latina e o quinto investimento da IFC no BicBanco desde Os recursos foram levantados por intermédio de uma operação global sindicalizada, na qual participaram 14 bancos internacionais, sendo sua distribuição liderada pela IFC, Banco Itaú Europa, Commerzbank e Standard Chartered. Eternit inaugura nova linha de produção de fibrocimento na BA A Eternit anunciou que inaugurou mais uma linha de produção de fibrocimento na sua unidade de Simões Filho, na Bahia. Resultado de um investimento de cerca de R$ 14 milhões, a ampliação permitirá à empresa aumentar a capacidade de produção da fábrica em 100%, passando para 15 mil toneladas mensais. Em três anos, é a terceira linha de produção que a empresa coloca em operação. As outras duas foram inauguradas na fábrica de Goiânia, em 2008, e na de Colombo (PR), em Com esta nova linha de produção, a capacidade instalada anual de fibrocimento do Grupo Eternit, que era de 650 mil toneladas em 2007, passará para cerca de 1 milhão de toneladas este ano. Natura começa a produzir na Argentina até o fim do ano A Natura começa até o fim deste ano a fabricação terceirizada de parte de seu portfólio de produtos na Argentina. A companhia já formou um grupo com executivos locais e montou um escritório em Buenos Aires. A produção inicial será focada na linha de perfumes, mas a ideia é ampliar o mix de produtos nos próximos meses, segundo o vice-presidente de Finanças e Jurídico da Natura, Roberto Pedote. Esperamos obter benefícios econômicos, com a redução de custos, e ambientais, com a menor emissão de gases na exportação dos produtos a partir do Brasil, disse. Pedote informou que a empresa já mantém conversas avançadas com parceiros para terceirizar, a partir de 2001, a produção também no México e na Colômbia. John Deere ampliará fábrica para produzir pulverizadores A John Deere anunciou nesta sexta-feira investimentos de R$ 60 milhões, em um prazo de quatro anos, na ampliação de sua fábrica de Catalão (GO) para iniciar a produção de pulverizadores. A unidade é única da companhia a produzir colhedoras de cana-de-açúcar da John Deere fora dos Estados Unidos, atividade que será mantida pela companhia. O protocolo de intenções da expansão da unidade goiana foi assinado em Goiânia, por Alfredo Miguel Neto, diretor de Assuntos Corporativos para América do Sul da John Deere, e pelo governador Alcides Rodrigues (PP). Segundo a John Deere, as obras de ampliação da fábrica de Catalão começam em novembro. ECONOMIASábado, 23, Domingo, 24, e Segunda-feira, 25 de Outubro de Instituição pretende ser um dos três maiores bancos inseridos nesse mercado Rejane Lima da Agência Estado A Caixa Econômica Federal (CEF) pretende ser um dos três maiores bancos inseridos no mercado de petróleo e gás do País nos próximos três anos. A informação foi divulgada nesta sexta-feira, em Santos, na Baixada Santista, durante visita da presidente da Caixa, Maria Fernanda Ramos Coelho, a Santos Offshore Oil & Gas Expo 2010, o maior evento do setor do Estado de São Paulo, que começou na terça-feira e terminou nesta sexta no Mendes Convention Center. Estamos em uma fase de estabelecer o primeiro relacionamento com essa cadeia, é também uma fase de aprendizado para a Caixa, disse a presidente, afirmando que o objetivo é que, no futuro, a imagem do banco estatal seja tão forte no mercado de petróleo e gás como hoje é na habitação. Para isso, a Caixa pretende lançar diferentes linhas de crédito para atender ao mercado, principalmente aos fornecedores da Petrobras. Você tem linhas de crédito que podem ser tanto para capital de giro como para investimentos; então, dependendo da demanda e da capacidade da empresa, você opera de um jeito, explicou. Além disso, Maria Fernanda afirmou que a instituição também assinou a participação de um fundo com a Marinha Mercante que permitirá investimentos na indústria naval nacional. A ideia é que a cada dia, a cada semana, surjam novos produtos absolutamente adequados a esse segmento, completou o Superintendente regional da Caixa da Baixada Santista, José Paulo Gomes de Amorim. Lançada há cerca de um mês, uma linha de crédito criada para atender a fornecedores da Petrobras está operando de maneira piloto em 18 superintendências da Caixa, entre elas a Baixada Santista, devendo ser estendida para todo o País em dezembro. É para fornecedor da Petrobras, pode ser para micro e pequena empresa ou para média e grande empresa. Os juros podem variar de 1,75% a 2,5% ao mês dependendo da análise de risco, afirmou o gerente regional da Caixa, Daniel Monte Rodrigues, explicando que a linha atende a fornecedores da Petrobras até o quinto nível, e não apenas a fornecedores diretos. Pode ser para o fornecedor, do fornecedor, do fornecedor. Segundo Rodrigues, a maior garantia da Caixa é o contrato Petrobras e o banco pode financiar até 50% do valor desse contrato. Nesse mês, cerca de 20 clientes da Baixada Santista procuraram a Caixa e estão negociando o novo crédito. São clientes no processo entre visita, avaliação de risco, e precificação da operação de crédito, completando que o valor mais alto que está sendo negociado na região é de R$ 12 milhões. Elder Ogliari O presidente da Petrobras, José Sergio Gabrielli, entende que as ações da companhia não sofrem tendência de queda após a capitalização do final de setembro. Ela (a ação) tem um processo de estabilização, ainda não retomou o crescimento porque é um crescimento baseado fortemente com as expectativas de longo prazo, comentou, durante entrevista coletiva ao final de sua participação no seminário Pré-sal e o Rio Grande do Sul - Oportunidades para a Indústria, Trabalhadores e Sociedade, nesta sexta-feira, em Porto Alegre. Para Gabrielli, o movimento de baixa verificado nos dias 5 e 6 de outubro foi provocado por ajustes de carteira feitos pelos investidores internacionais em função da mudança da cobrança do IOF sobre aplicações de renda fixa. O investidor internacional que tinha ações da Petrobras em mãos poderia vender essas ações no Brasil. Essas ações se transformariam em reais e com esses reais ele poderia comprar títulos de renda fixa no Brasil sem precisar pagar os 2% de IOF sobre investimento estrangeiro em renda fixa. No dia 7 à noite o governo percebeu essa brecha, alterou a regulamentação e ela (a ação) se estabilizou de novo, avaliou. Gabrielli também acredita que a queda dos últimos três dias é um movimento generalizado do mercado de ações mundial, especialmente nas áreas das empresas de energia e, entre essas, especialmente as de petróleo. Como a Petrobras tem volume de transações muito alto, é uma ação muito líquida, ela tende a ter movimentos muitos mais intensos que outras companhias, afirmou. Durante sua participação no evento, Gabrielli confirmou o plano de investimentos de US$ 224 bilhões da Petrobras até 2014 e disse que a maior parte do valor será coberta com recursos de caixa, capitalização já feita e geração de receita. Reconheceu que há uma dívida de US$ 38 bilhões que pode ser rolada e a necessidade de contrair outra, também de cerca de US$ 38 bilhões, nos próximos cinco anos. Não é algo que seja considerado impossível ou muito difícil, avaliou. Nossa alavancagem, que é a razão dívida - capital próprio, está em 16%, 18%, e depois da nova (dívida) vai para 30%, previu. Não teremos problemas financeiros apesar de o dinheiro ser muito. Gabrielli avisou ainda, a um público formado por empresários e estudantes, que a cadeia de fornecedores da Petrobras deve aumentar sua capacidade e qualidade para atender à demanda da empresa nas condições de tempo necessárias e a custos compatíveis com a tendência internacional. Uma das medidas tomadas para fazer a cadeia crescer e se qualificar é o programa Progredir, lançado em setembro. O presidente da Petrobras lembrou que, por acordo, seis bancos se disponibilizaram a aceitar como garantias para financiamento a empresas da segunda cadeia (fornecedores dos fornecedores da Petrobras) os contratos da primeira cadeira de fornecedores. Também citou os estudos que serão feitos com entidades empresariais para identificar áreas que possam ser supridas pela terceira cadeia de fornecedores. Estamos falando (ao todo) de aproximadamente 250 mil fornecedores e 500 mil contratos, calculou. Embora os fornecedores possam estar em todo o País, Gabrielli identificou como potenciais nichos do Rio Grande do Sul as áreas de mecânica, engenharia de motores e eletroeletrônica. Gabrielli também confirmou que a produção do projeto-piloto do campo de Tupi vai subir de 14 mil barris por dia para 100 mil barris por dia no dia 28 de outubro. Mais petróleo na página 5 Edna Simão O Ministério do Planejamento criou um código de conduta especial para os representantes do governo federal que trabalham nos conselhos de administração de empresas públicas como Petrobras, Eletrobrás, Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Banco do Brasil (BB), Caixa Econômica Federal e Correios. O Manual do Conselheiro de Administração tem como objetivo unificar o entendimento do governo sobre deveres e atribuições, conflitos de interesses, remuneração e boas práticas. Coincidência ou não, o documento, divulgado na semana passada, foi apresentado no momento em que apareceram denúncias contra atuação de indicado do governo em empresa pública. A suspeita mais recente se refere ao uso indevido da Companhia de Geração Térmica de Energia Elétrica (CGTEE), subordinada à Eletrobrás, na concessão de garantias de empréstimo externo para empresa privada. A Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) proíbe empresas do governo de serem fiadoras de empréstimos internacionais a empresas privadas. Por trás dessa operação, estaria o presidente do conselho de administração da CGTEE, Valter Luiz Cardeal de Souza, que também é diretor de Planejamento da Eletrobrás. O Ministério do Planejamento desvinculou a divulgação do manual ao episódio, dizendo que as novas regras foram debatidas por mais de três anos e apenas unificam iniciativas que já são praticadas pelos conselheiros indicados pelo governo. A função de conselheiro de administração em uma empresa estatal é bastante cobiçada pelos membros do governo e aliados políticos. Isso porque, além de melhorar o salário dos que exercem cargo de confiança no governo como ministros, secretários e assessores, ainda existe acesso a informações privilegiadas. Dois conselhos disputados são o da Petrobrás e BNDES. Principais regras - Pelo manual do Ministério do Planejamento, dentre os requisitos exigidos para ocupar uma cadeira do conselho de ddministração de estatais é a formação acadêmica e experiência específica na área, além de outras exigências para qualificação do candidato ao cargo. O mandato não poderá ser superior a três anos, permitida a reeleição. O conselheiro pode perder o cargo em caso de falta às reuniões (sem justificativa), não cumprimento das regras de boa conduta, renúncia formal ou decisão do Executivo. O salário do conselheiro de administração de empresa estatal deve representar, no máximo, 10% da remuneração média dos diretores da respectiva empresa. É vedada aos membros dos conselhos de administração e fiscal a participação nos lucros ou resultados da companhia pública. Toda matéria apreciada terá caráter confidencial. Pelo manual, não é recomendável participar do conselho da administração pessoas que tenham causado prejuízo à companhia ou que lhe forem devedoras; detenham participação societária ou integram sociedades em mora com a empresa; sejam sócias, cônjuges, companheiro ou parentes em linha reta, colateral ou por afinidade, até o terceiro grau, de membro da administração da empresa estatal. A indicação do conselheiro, assim como é feita hoje, precisa ser submetida à prévia aprovação do presidente da República. EDITAL DE CITAÇÃO Com o pra zo de vin te dias O MM Juiz de Di re i to, Dr(a) Fer nan do Ce sar Fer re i - ra Vi a na - Juiz em Exer cí cio do Car tó rio da Vara de Re gis tros Pú bli cos da Co - mar ca da Ca pi tal, RJ, FAZ SABER aos que o pre sen te edi tal com o pra zo de vin te dias vi rem ou dele co nhe ci men to ti ve rem e in te res sar pos sa, que por este Ju í zo, que fun ci o na a Av. Eras mo Bra ga, B CEP , Cen tro, Rio de Ja ne i ro, RJ cap vreg tra mi tam os au tos da Clas se/assun to Ou tros pro ce di men tos de ju ris di ção vo lun tá ria - Can ce la - men to, de nº , mo vi da por HOTEIS OTHON S/A em face de DETALHE INDUSTRIA COMERCIO E REPRESENTACOES LTDA e BARCEC MATERIAL DE ESCRITORIO LTDA, ob je ti van do can ce la men to de pro tes tos des cri tos na ini ci al. Assim, pelo pre sen te edi tal CITAM os réus DETALHE INDUSTRIA COMERCIO E REPRESENTACOES LTDA e BARCEC MATERIAL DE ESCRITORIO LTDA, que se en con tram em lu gar in - cer to e des co nhe ci do, para no pra zo de quin ze dias ofe re ce rem con tes ta ção ao pe di do ini ci al, que ren do, fi can do ci en te de que pre su mir-se-ão ace i tos como ver da de i ros os fa tos ale ga dos, caso não ofe re ça con tes ta ção. Dado e pas sa do nes ta ci da de de Rio de Ja ne i ro, 04 de maio de Eu, Gil son Men - des Pe i xo to Fi lho - Subst. do Escri vão - Matr. 01/5509, di gi tei. E eu, Car men Lo pes de Alme i da Trin da de - Escri vão - Matr. 01/14346, o subs cre vo. Dr. Fer - nan do Ce sar Fer re i ra Vi a na, Juiz de Di re i to em exercício.

4 4 Sábado, 23, Domingo, 24, e Segunda-feira, 25 de Outubro de 2010 JUNTA COMERCIAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Despachos de 22 de Outubro de 2010 Documentos Deferidos PROC. EMPRESA MADUREIRA MODAS LTDA ME M MANUTENCAO HIDRAULICA PREDIAL LTDA W COMERCIO DE INFORMATICA LTDA ME MADUREIRA ALTO ESTILO LTDA ME IPANEMA BEACH LTDA IPANEMA BEACH LTDA RIBEIRO CONFECCAO LTDA RIBEIRO CONFECCAO LTDA A G CORREA DO NASCIMENTO DEDETIZADORA A G CORREA DO NASCIMENTO DETETIZADORA A G M MALHEIRO COMERCIO DE PRODUTOS ALIMENTICIOS A G M MALHEIRO COMERCIO DE PRODUTOS ALIMENTICIOS A L DOS SANTOS SENOS COMERCIO DE AUTO PECAS A L DOS SANTOS SENOS COMERCIO DE AUTO PECAS A N RIO COMERCIO A R C ATACADISTA DE PRODUTOS ALIMENTICIOS LTDA A R C ATACADISTA DE PRODUTOS ALIMENTICIOS LTDA A VIDRACARIA POPULAR LTDA A W D 2000 GESSO LTDA ME A. BATISTA REPRESENTACOES A. BATISTA REPRESENTACOES ABBA PAI MERCEARIA LTDA ME ACADEMIA BRASILEIRA DE COACHING LTDA ACADEMIA BRASILEIRA DE COACHING LTDA ACADEMIA CRISTINA MENDES LTDA ACADEMIA CRISTINA MENDES LTDA ADDMAKLER ADMINISTRADORA E CORRETORA DE SEGUROS S/S LTDA ADILSON JUNIOR LESSA CARDOSO MATERIAL DE CONSTRUCAO ADILSON JUNIOR LESSA CARDOSO MATERIAL DE CONSTRUCAO ADMINISTRADORA SILVA MEDEIROS LTDA ADMINISTRADORA SILVA MEDEIROS LTDA ADRIANA ELIAS FRANCO ADRIANA MELLO TEIXEIRA BASTOS AFRODITE COSMETICOS E PERFUMARIA LTDA ME AKYPLAST EMBALAGENS LTDA ME AL DE PAULA COMERCIO DE ALIMENTOS ME ALEMANHA IMPOSSIVEL PRODUCOES ARTISTICAS LTDA ALEMANHA IMPOSSIVEL PRODUCOES ARTISTICAS LTDA ALEX SOARES DE FARIA ALEXANDRE BAPTISTA DE OLIVEIRA MARIA ALEXANDRE GIL LOURENCO ALEXANDRE SANTOS IZIDORIO ALEXSANDRO DEODATO BRAGA ALEXSSANDER XAVIER RADIADORES E MANUTENCAO ME ALIUM PARTICIPACOES S/A ALTEQ TECNOLOGIA E SERVICOS LTDA ALTEQ TECNOLOGIA E SERVICOS LTDA ALVES REZENDE SUPRIMENTOS DE INFORMATICA LTDA ME AMARILDO GOMES TEODORO AMB HOLDINGS LTDA AMSTERDAM SAUER JOALHEIROS LTDA ANA CLAUDIA DE SOUZA NUNES ANDERSON CARLOS MENDES DA COSTA ANDREIA SILVA ROCHA ANETT AGENCIA NACIONAL DE EMPREGOS TEMPORARIO LTDA ANTONIO CARLOS LYDIO ARAUJO DE SOUZA TRANSPORTES LTDA ME ARCAN DECORACOES LTDA EPP ARCO IRIS BAZAR DA CONSTRUCAO LTDA ME ARR-MAZ DO BRASIL LTDA ARUTEN PRODUCOES ARTISTICAS LTDA ASCAF COMERCIO E SERVICOS LTDA ASSISTENCIA INTEGRAL EM SAUDE M V LTDA ASTROMARITIMA NAVEGACAO S/A ATUAL CORRETORA DE SEGUROS LTDA AUCRIS FITNESS COMERCIO E SERVICOS LTDA ME AUTHENTIQUE 4399 VEICULOS LTDA AVELE COMERCIO E REPRESENTACOES DE GENEROS ALIMENTICIOS LTDA ME AVILA COMERCIO E REPRESENTACOES AWATEL 2000 CELULARES E INFORMATICA LTDA ME AZEVEDO VITURIANO INSTALACOES PREDIAIS LTDA AZEVEDO VITURIANO INSTALACOES PREDIAIS LTDA B B COMERCIO DE PNEUS LTDA EPP BALATIR INVESTIMENTOS LTDA BANTUBOS PRODUTOS DE CONCRETO LTDA BAR E MERCEARIA DU BOM DO GRAJAU LTDA ME BAR PONTO UNICO LTDA BARLAVENTO SERVICOS MARITIMOS LTDA BARLAVENTO SERVICOS MARITIMOS LTDA BARRETO E SANTOS COMERCIO DE TEMPEROS LTDA ME BAZAR HUMAITA NOVO LTDA ME BENICA NOGUEIRA LTDA ME BENILDO REGIS DO NASCIMENTO BERENICE DA SILVA DOS SANTOS BERENICE DA SILVA DOS SANTOS BETHXAN ARTIGOS DE FESTAS SERVICOS DE BUFFET E DESCARTAVEIS LTDA BETHXAN ARTIGOS DE FESTAS SERVICOS DE BUFFET E DESCARTAVEIS LTDA BILL STOP COMBUSTIVEIS LTDA BIO X DIGITAL RADIOLOGIA ODONTOLOGICA LTDA BIO X DIGITAL RADIOLOGIA ODONTOLOGICA LTDA BODY S SECRET ESTHETIC CENTER LTDA ME BONOMIA LANCHES LTDA ME BOTEQUIM SAO CLEMENTE LTDA ME BRAND MIX REPRESENTACOES DE MARCAS ESPORTIVAS LTDA ME BRAVIN COMERCIO VAREJISTA DE VESTUARIO LTDA BRAVIN COMERCIO VAREJISTA DE VESTUARIO LTDA BRUTAO COLETA DE RESIDUOS LTDA BRUTAO COLETA DE RESIDUOS LTDA BRUTO S COMERCIO DE PECAS E ACESSORIOS PARA BICICLETAS LTDA BRUTO S COMERCIO DE PECAS E ACESSORIOS PARA BICICLETAS LTDA BSW COMERCIAL MODAS LTDA BUSINESSLIKE EQUIPAMENTOS E SERVICOS LTDA ME BUZUCA 3556 SERVICOS DE TERRAPLANAGEM LTDA BUZUCA 3556 SERVICOS DE TERRAPLANAGEM LTDA C & M SOFTWARE LTDA C M DUARTE MATERIAL DE CONSTRUCAO ARMARINHO E PERFUMARIA ME C S APARECIDA LTDA CACAU COUTO 10 COMERCIO DE CHOCOLATES LTDA CACAU COUTO 10 COMERCIO DE CHOCOLATES LTDA CADMIDIA ARTES GRAFICAS LTDA ME CAFE E BAR FONSECA LTDA CAIO CESAR BARROCO PASSOS DA SILVA CAIO CESAR BARROCO PASSOS DA SILVA CAIO R GUALBERTO ELETRICA HIDRAULICA DESCARTAVEIS E LIMPEZA ME CALDERMEC INDUSTRIA MECANICA LTDA CALGARY RJ VIAGENS E TURISMO LTDA CALGARY RJ VIAGENS E TURISMO LTDA CANTINA DA BARRA AL CHAGAS LTDA CARIC NAPOLE REPRESENTACOESLTDA CARLOS ALBERTO DA SILVA CARLOS FRANCISCO DOS SANTOS CARLOS HUMBERTO DA SILVA CARNEIRO VIEIRA COMERCIO DE PECAS E SERVICOS DE ELETRODOMESTICOS LTDA CARNEIRO VIEIRA COMERCIO DE PECAS E SERVICOS DE ELETRODOMESTICOS LTDA CARTERIO C COSTA NETO OBRAS DE ALVENARIA CARTERIO C COSTA NETO OBRAS DE ALVENARIA CARVAO BAIAO LTDA ME CASIMAR EMPREENDIMENTO E TURISMO LTDA CASSIANA RODRIGUES MASPERO CAVAL TUR TRANSPORTE LOCACAO TURISMO LTDA CAVAL TUR TRANSPORTE LOCACAO TURISMO LTDA CELSO RODRIGUES HERNANDES CENTENNIAL ASSET PARTICIPACOES SUDESTE S A CENTER SUPPLIES SUPRIMENTOS DE INFORMATICA LTDA CENTER SUPPLIES SUPRIMENTOS DE INFORMATICA LTDA CER EMPREENDIMENTOS E REPRESENTACOES LTDA CIMENTO TUPI S/A CIMENTO TUPI S/A CINTIA MOREIRA PETRILIO CIPA COMERCIO E INDUSTRIA DE PRODUTOS DE LIMPEZA LTDA EPP CITELUZ SERVICOS DE ILUMINACAO URBANA S/A CITRICOLA SUPER CITRUS LTDA CITRICOLA SUPER CITRUS LTDA CLAUDIA BARBOSA FERREIRA CLEBER ALMEIDA VIANA CLINICA ODONTOLOGICA ROMAO LTDA CLINICA ODONTOLOGICA ROMAO LTDA CLINOP CLINICA DE OLHOS PEGADO LTDA CLIPEL DISTRIBUIDORA DE ARTIGOS DE PAPELARIA LTDA CLIPEL DISTRIBUIDORA DE ARTIGOS DE PAPELARIA LTDA COLEGIO E CURSO FUTURO VIP TAQUARA ENSINO FUNDAMENTAL LTDA COLLEGE SG CURSO DE IDIOMAS LTDA ME COMERCIAL MILANO BRASIL LTDA COMERCIAL PERFECTAR 09 LTDA COMIDAS DA PRIMAVERA RESTAURANTE LTDA ME CONQUEROR COMERCIO DE ROUPAS LTDA ME CONSTRUCOL COMERCIO E PRESTADORA DE SERVICOS LTDA CONSTRUTORA INVICTUS LTDA ME CONSTRUTORA QUEIROZ GALVAO S/A CR2 WAREHOUSE 1 EMPREENDIMENTOS LTDA CREDIMAIS SERVICOS DE MARKETING COMERCIO ELETRONICO E PROMOTORA DE VENDAS LTDA CREDIMAIS SERVICOS DE MARKETING COMERCIO ELETRONICO E PROMOTORA DE VENDAS LTDA PUBLICAÇÃO DE DESPACHOS CRISOL INDUSTRIA COMERCIO E SERVICOS SUSTENTAVEIS DE ENERGIA LTDA CRISTIANA FAGUNDES LIMA CRISTIANE APARECIDA RODRIGUES CRISTIANE DE SOUZA FARIAS CUTELARIA E BAZAR NOVA ZURITA LTDA ME CYC COMERCIO MANUTENCAO E REFORMAS LTDA ME D MOTTA RIBEIRO MATERIAIS DE CONSTRUCAO ME D MOTTA RIBEIRO MATERIAIS DE CONSTRUCAO ME DABLIUM CONFECCOES E COMERCIO DE ROUPAS LTDA ME DANIELE DE FATIMA SOARES DE OLIVEIRA DANILO MACHADO MACIEL DAROS LATINAMERICA DESENVOLVIMENTO DE ARTE E CULTURA LTDA DAVI CESAR VIDEIRA GONCALVES BEZERRA DAVID MOURA NIDDAN MAULLER DECIDERIO PEDRO DA FONSECA JUNIOR ME DECLECIA HERMINIA DE BARROS DEFAKTO 10 TRANSPORTE E LOCACAO LTDA ME DELPETRO LOGISTICA E TRANSPORTES LTDA DELTA CONSTRUCOES S/A DENIBELA CENTRO DE BELEZA LTDA EPP DENILSON DA CONCEICAO CARDOSO DEPOSITO E BAR DO BIBI LTDA ME DEYVISON MELO E SILVA DI CEMIN PRODUCOES ARTISTICAS LTDA DI CEMIN PRODUCOES ARTISTICAS LTDA DIALOG RIO TELECOM LTDA DIALOG RIO TELECOM LTDA DIEGO PEIXOTO SILVA DIGITAL SHOP EMPREENDIMENTOS E PARTICIPACOES LTDA DIGITAL SHOP EMPREENDIMENTOS E PARTICIPACOES LTDA DIGITAL WORK COMPUTER SERVICE COMERCIAL LTDA DIGITRON TECNOLOGIA LTDA ME DILSON JORGE AGUIAR DE FIGUEIREDO DISTRIBUIDORA DE CEREAIS COMLEV LTDA ME DISTRIBUIDORA DE RACOES MARICA LTDA EPP DM8 INDUSTRIAL E COMERCIAL IMPORTADORA LTDA DROGA FARMA DE TERESOPOLIS LTDA ME DROGA RICA JC DROGARIA LTDA DROGA RICA JC DROGARIA LTDA DROGARIA CONQUISTA DE ARARUAMA LTDA DROGARIA CONQUISTA DE ARARUAMA LTDA DROGARIA ENGENHO PEQUENO LTDA DROGARIA ENGENHO PEQUENO LTDA DROGARIA ROSNER & ROCHA LTDA ME DUALPET RECICLAGEM LTDA E GONCALVES PEREIRA ME E. V. ECARD COMERCIO DE CELULARES LTDA ME EDIVALDO JOSE CORREA LEMOS EDMAR MARINHO ANDRADE EFER AGROINDUSTRIA MARITIMA REPRESENTACOES INDUSTRIA E COMERCIO LTDA ME ELECTRON PGI PRODUTOS GALVANICOS INTELIGENTES LTDA EPP ELEGANCIA DISTRIBUIDORA DE COSMETICOS LTDA ELEVADORES RJ LTDA ME ELEVOGIL MANUTENCAO DE ELEVADORES LTDA ME ELIANE MACHADO ROSA ELISABETE NEVES DE MENEZES ELIZABETH PEREIRA ELIZANGELA FREITAS BEZERRA EMGAD EMPREENDIMENTOS GERAIS E ADMINISTRACOES S/A ENVIRORGANIC COMERCIO E SERVICOS AMBIENTAIS LTDA ME EPANOR S/A ERM BRASIL LTDA ESTACIO PARTICIPACOES S/A ESTACIO PARTICIPACOES S/A ESTACIO PARTICIPACOES S/A ESTUDIO ELEGANCIA SALAO DE BELEZA BRASIL LTDA ESTUDIO ELEGANCIA SALAO DE BELEZA BRASIL LTDA ESTUDIO ELEGANCIA SALAO DE BELEZA BRASIL LTDA ETML EMPRESA DE TELEFONIA MULTIUSUARIO S A F & L KIDS CALCADOS LTDA ME F 100 AUTOMOVEIS LTDA F T BARBOSA LANCHONETE F T BARBOSA LANCHONETE FABIANO LIMA DE OLIVEIRA FABIO BATISTA MACHADO ME FABIO DO NASCIMENTO SEABRA FABIO EMIDIO CORREA DA SILVA FABIO FONTE DO NASCIMENTO FABULA CONFECCAO E COMERCIO DE ROUPAS LTDA FAMILIA ABENCOADA DO RIO DE JANEIRO CAMA MESA E BANHO LTDA FAMILIA ABENCOADA DO RIO DE JANEIRO CAMA MESA E BANHO LTDA FARMACIA SANTOS GONCALVES LTDA EPP FAST SEGUROS CONSULTORIA E ASSESSORIA DE SEGUROS LTDA FERNANDA DOS SANTOS VIEIRA FERNANDO DA SILVA DO VALLE FERNANDO DIAS AMARAL FERNANDO ROBERTO SANTOS AMORIM - CPF: FERTEC COMERCIO E SERVICO DE MANUTENCAO INDUSTRIAL LTDA FIC PROMOTORA DE VENDAS LTDA FIC PROMOTORA DE VENDAS LTDA FILIPE REIS FRANCKLIN FLAVIO PACHECO NEME FLEET SOLUTION SERVICOS E REPRESENTACAO COMERCIAL LTDA FLEET SOLUTION SERVICOS E REPRESENTACAO COMERCIAL LTDA FM PRO IMAGEM PAPELARIA ENCARDENACAO E XEROX LTDA ME FMJ LOGISTICA E TRANSPORTE LTDA ME FOCCACERIA DELICIAS ITALIANAS LTDA FOFY S DOG ARTEFATOS DE COURO LTDA ME FONAR TELECOMUNICACOES LTDA ME FONITURE D ITALIA COMERCIO DE ELETRODOMESTICOS LTDA ME FORTALEZA S MOVEIS LTDA FORTALEZA S MOVEIS LTDA FRANCISCO DE ASSIS DOS SANTOS COSTA FRANGO NA VARANDA PRODUTOS ALIMENTICIOS LTDA ME FRIGORIFICO JAHU LTDA FROST SKY COMERCIAL E MARITIMA LTDA ME FULL TEC CONSTRUCOES LTDA EPP G F M FERREIRA COMERCIO VAREJISTA DE ROUPAS G F M FERREIRA COMERCIO VAREJISTA DE ROUPAS G MIRIM DE SANTA AMELIA MATERIAL DE CONSTRUCAO E BAZAR LTDA ME GAINHO MATERIAL DE CONSTRUCAO LTDA ME GBE PROPRIEDADES E EMPREENDIMENTOS IMOBILIARIOS V LTDA GENTE QUE FAZ PUBLICIDADE LTDA GEOMATA SOLUCOES AMBIENTAIS LTDA ME GESSO CLASSE A 2010 COMERCIO LTDA ME GESTIONE SERVICOS EMPRESARIAIS LTDA GIDEAO CONSTRUCOES LTDA GIDEAO CONSTRUCOES LTDA GILBERTO FRANCISCO DOS SANTOS JUNIOR ME GISELLE SOARES PEREIRA GONDOLA COMERCIO ATACADISTA DE ALIMENTOS LTDA GP IMOVEIS RJ LTDA GP IMOVEIS SP LTDA GRACA ARANHA COMERCIO E RECUPERACAO DE PECAS AUTOMOTIVAS LTDA GRACA ARANHA COMERCIO E RECUPERACAO DE PECAS AUTOMOTIVAS LTDA GRAFICA EDITORA STAMPPA LTDA EPP GRAT CONSTRUCAO E REFORMA LTDA GUAPI COMERCIO DE BEBIDAS MERCEARIA LTDA GUAPI COMERCIO DE BEBIDAS MERCEARIA LTDA GUIA DE NEGOCIOS DA BACIA DE CAMPOS EDITORA LTDA ME GUSTAVO DANTAS PEREIRA H & Z TEL AGENCIA DE TELEFONE LTDA ME H F DE SOUZA COMERCIO DE LAJES ME H F EQUIPAMENTOS HOSPITALARES LTDA H F EQUIPAMENTOS HOSPITALARES LTDA H P TREINAMENTO E DESENVOVIMENTO EM SEGURANCA LTDA H PALMEIRA ASSESSORIA E PLANEJAMENTO H PALMEIRA ASSESSORIA E PLANEJAMENTO H STRATTNER & CIA LTDA HELAYNE CRISTINA ALENCAR DE OLIVEIRA CARDOSO HERICA IONNE DOS SANTOS SANTILIO HMSC CORRETORA E ADMINISTRADORA DE SEGUROS LTDA HOLLYWOOD PRODUCOES LTDA ME HORLIENE ANTUNES DOS SANTOS ELERT HORLIENE ANTUNES DOS SANTOS ELERT HOSPICATH COMERCIO DE MATERIAL HOSPITALAR LTDA HP TREINAMENTO E DESENVOVIMENTO EM SEGURANCA LTDA HRT PARTICIPACOES EM PETROLEO S A HUMBERTO PEREIRA QUIRINO IBBCA 2008 CORRETORA DE SEGUROS LTDA ME IDEIASVENTURES PARTICIPACOES LTDA IGUATEMI RIO VIAGENS LTDA IGUATEMI RIO VIAGENS LTDA ILUKA BRASIL MINERACAO LTDA ILUKA BRASIL MINERACAO LTDA ILUKA BRASIL MINERACAO LTDA ILUKA BRASIL MINERACAO LTDA ILUKA BRASIL MINERACAO LTDA ILUKA BRASIL MINERACAO LTDA ILUKA BRASIL MINERACAO LTDA ILUKA BRASIL MINERACAO LTDA IMUSICA S/A INDUSTRIA DE VASSOURAS E ESPANADORES SAO JOAO LTDA EPP INSTITUTO DE ESTETICA CORPO ESSENCIAL LTDA INSTITUTO OMEGA LTDA INSTITUTO OMEGA 2010 LTDA INTERTEX ARMAZENS GERAIS LTDA IPANEMA BEAUTY CENTER LTDA EPP ISABEL CRISTINA BASTOS DE SOUZA ME ISOLUX ENERGIA E PARTICIPACOES S/A ISOLUX ENERGIA E PARTICIPACOES S/A ITA RIO CONSTRUCOES INDUSTRIA COMERCIO E SERVICOS LTDA ME ITACOBRANCA E REPRESENTACOES LTDA ME ITAU UNIBANCO S/A IZAIAS DE SOUZA IZAQUIAS DOS SANTOS J A P CARVALHO INDUSTRIA E COMERCIO DE BOLSAS E ROUPAS J A P CARVALHO INDUSTRIA E COMERCIO DE BOLSAS E ROUPAS J B S SILVA ELETROCICLE ME J C F BALTHAZAR COMERCIO DE MATERIAIS ESPORTIVOS J C F STUDIO GRAFICO LTDA J C F STUDIO GRAFICO LTDA J FERNANDES LOC BAMA LOCACOES E LOGISTICA LTDA ME J G RODRIGUES J G RODRIGUES J P MOREIRA COMERCIO DE FERRAMENTAS J P MOREIRA COMERCIO DE FERRAMENTAS J.A. DE CARVALHO - AUTOMOTIVAS J.A. DE CARVALHO - AUTOMOTIVAS JACARANDA LOCACAO E MONTAGEM DE STANDS LTDA JACOB & DANIEL PARTICIPACOES S/A JANAINA DE LEMOS HERMINELLI JANE VITAL DE OLIVEIRA BANDEIRA JAQUESON DE SOUZA CONFECCAO ME JOAO CARLOS DE FREITAS JOAO CLAUDIO VAZ PEIXOTO JOAO MARIO DE SOUZA JOC ENGENHARIA ECONOMICA E PROJETOS LTDA JOHNNY & KEILA LTDA ME JOLIE S JOY COMERCIO E CONFECCOES DE ROUPAS LTDA JOLIE`S JOY COMERCIO E CONFECCOES DE ROUPAS LTDA JORGE ROBERTO GRACA DA MOTTA JOSALU S COMERCIO DE ROUPAS LTDA ME JOSE AILSON EMILIANO JOSE AUGUSTO PEREIRA JOSE DOS SANTOS COIMBRA JOSE HENRIQUE REIS CORTEZ ME JOSIANE MOURA DA COSTA JOSIEL OLIVEIRA DA SILVA JS BRASIL TRANSPORTES LTDA JS LUCLARA RESTAURANTE LTDA ME JULIANA LIMA DE JESUS JULIO PASCULLI CALIL JUMA RAMOS CONFECCOES LTDA ME K & P SERVICOS DE TELECOMUNICACOES LTDA K & P SERVICOS DE TELECOMUNICACOES LTDA K V CONSERVACAO E SERVICOS DE PORTARIA LTDA ME KARLY CABELEIREIROS LTDA KARLY CABELEIREIROS LTDA KERN CONSULTORIA EMPRESARIAL LTDA KEVIN BR COMERCIO DE ROUPAS E ACESSORIOS LTDA KI JU CONFECCOES LTDA ME KIM WORN SERVICOS DE ENTREGAS ESPECIAIS LTDA L & S COMERCIO VAREJISTA DE ARTIGOS DO VESTUARIO LTDA L & S COMERCIO VAREJISTA DE ARTIGOS DO VESTUARIO LTDA L C N ANJOS AGENCIAMENTOS ME L C S MONTAGENS DE TUBULACOES E ESTRUTURAS LTDA L F DE BRITO ME L J ALEXANDRE L O LEAL DA SILVA COMERCIO E SERVICOS ME L S DE SOUZA TREINAMENTOS INDUSTRIAIS E IDIOMAS ME LA CONSTUMBRE COMERCIO DE ROUPAS LTDA ME LABOBIOS PIABETA LTDA LABOBIOS PIABETA LTDA LABPLAST INDUSTRIA E COMERCIO DE ARTEFATOS PLASTICOS LTDA LABPLAST INDUSTRIA E COMERCIO DE ARTEFATOS PLASTICOS LTDA LADY BETTY MOVEIS LTDA ME LAKISTE BOUTIQUE LTDA ME LANCHONETE CANTINHO DOS AMIGOS LTDA ME LANCHONETE PRINCESINHA DE IMBARIE LTDA ME LAODICEIA BORHER DA SILVA SOUSA LAURA S CAR LTDA LAURA S CAR LTDA LAVANDERIA K&B CRUZ LTDA LAVANDERIA K&B CRUZ LTDA LCR FERREIRA CONSTRUCOES E INSTALACOES TECNICAS LTDA LENILDO SOUZA DIAS LEON COMERCIO DE MOVEIS LTDA LEON COMERCIO DE MOVEIS LTDA LER DIGITAL SERVICOS VIA INTERNET LTDA LGM MDU CABOS E TELECOMUNICACOES LTDA LIA REGINA DA COSTA DOS SANTOS LILAC BIJUTERIAS E ACESSORIOS LTDA ME LILIAN DA SILVA PINTO LIMPEZA E COMPANHIA PRODUTOS DE PISCINA LTDA LIMPEZA E COMPANHIA PRODUTOS DE PISCINA LTDA LLX ACU OPERACOES PORTUARIAS S/A LMD COMERCIO DE ROUPAS LTDA EPP LOJAS AMERICANAS S/A LOSANGO PROMOCOES DE VENDAS LTDA LOSANGO PROMOCOES DE VENDAS LTDA LOSANGO PROMOCOES DE VENDAS LTDA LOSANGO PROMOCOES DE VENDAS LTDA LOSANGO PROMOCOES DE VENDAS LTDA LOSANGO PROMOCOES DE VENDAS LTDA LUANA DE OLIVEIRA PINTO LUBRIZOL DO BRASIL ADITIVOS LTDA LUCAS PINHEIRO SANTOS SERVICOS DE INFORMATICA LUCIANA DE CASTRO SOARES LUCIO KLEBER DE AQUINO NOGUEIRA LUFE COMERCIO E SERVICOS DE RELOGIOS DE PONTO LTDA LUIS SOARES DE OLIVEIRA LUIS SOARES DE OLIVEIRA LUNCH 42 LTDA EPP LUZIA FERREIRA DA SILVA LUZINETE FRANCISCA DA SILVA PADARIA LUZINETE FRANCISCA DA SILVA PADARIA M A COMERCIO DE CORTINAS E REFORMAS DE ESTOFADOS LTDA ME M A FONTES SERVICOS MEDICOS E RADIOLOGICOS ALCANTARA LTDA M A FONTES SERVICOS MEDICOS E RADIOLOGICOS ALCANTARA LTDA M B DOS SANTOS SERVICOS DE CARGA E DESCARGA M B DOS SANTOS SERVICOS DE CARGA E DESCARGA M M MAGALHAES COMERCIO DE INFORMATICA ME M R BASTOS COMUNICACAO LTDA M R BASTOS COMUNICACAO LTDA M R C BONSUCESSO INFORMATICA LTDA M R GUEDES CONFECCAO M R GUEDES CONFECCAO M S BRASIL SERVICOS DE INJECAO ELETRONICA LTDA M S DECORE SERVICOS E COMERCIO DE GESSO E DE MATERIAIS DE CONSTRUCAO LTDA ME M V COMERCIO DE UTENSILIOS E PRESENTES LTDA ME MACHADO & CERQUEIRA DE ARARUAMA BAR E LANCHONETE LTDA MACHADO & CERQUEIRA DE ARARUAMA BAR E LANCHONETE LTDA MADJER SANTOS BORGES MAFEROBIZE COMERCIO ALIMENTICIO LTDA MAIS LIMPEZA SOLUCOES PARA VOCE LTDA MAIS LIMPEZA SOLUCOES PARA VOCE LTDA MAIS MEDIA MONITORAMENTO DE INFORMACOES LTDA EPP MAKARA RASI ISOLAMENTOS TERMICOS LTDA ME MALE CUSTOM COMERCIAL LTDA ME MAQUINAS CALIXTO COMERCIO E MANUTENCAO LTDA MAQUINAS CALIXTO COMERCIO E MANUTENCAO LTDA MARCELLY CANTARINO DA SILVA ASCENCAO MARCELO CAR PECAS E SERVICOS LTDA MARCELO CAR PECAS E SERVICOS LTDA MARCELO DA SILVA TELLES MARCELO DE CARVALHO ALVES FERREIRA MARCELO DOS SANTOS MARCELO FEREIRA DA CUNHA HORTIFRUTIGRANJEIRO MARCELO PEREIRA DA CUNHA HORTIFRUTIGRANJEIRO MARCELO PINHEL TOMAZINI MARCIO MOREIRA HUEBRA MARCOS FELISBERTO DA SILVA MARIA APARECIDA MARAU MARIA APARECIDA RODRIGUES DOS SANTOS MARIA CAROLINA SANT ANA NEIVA MARIA CECILIA DA CONCEICAO FERREIRA MARIA DA CONCEICAO AMOZES VILLARD MARIA DA CONCEICAO BARBOSA MARIA DAS GRACAS DA SILVA MARIA DE LOURDES OLIVEIRA DA SILVA MARIANE L. S. RAMOS MONTAGEM DE MOVEIS MARIANE L. S. RAMOS MONTAGEM DE MOVEIS MARIANGELA CONCEICAO DOS SANTOS BOUTIQUE ME MARIANNA PEREIRA GONZAGA DA SILVA MARILEIA ANTONIO DE SOUZA MARTIN LEME SERVICOS LTDA MARYLINDA INDUSTRIA E COMERCIO DE ROUPAS LTDA MATERIAIS DE CONSTRUCAO RIATLA GONCALENSE LTDA ME MAVTRON EQUIPAMENTOS ELETRONICOS LTDA MAVTRON EQUIPAMENTOS ELETRONICOS LTDA MAXXLINK TELECOMUNICACOES LTDA MAXXLINK TELECOMUNICACOES LTDA MERCADO FIEL DE ANGRA LTDA MERCADO FIEL DE ANGRA LTDA MERCADO FILTRANTE PECAS AUTOMOTIVAS LTDA MERCADO MILLENIUM DA VILA MILITAR LTDA ME MERCADO MRX LTDA MERCADO OURO MARKET DE TERESOPOLIS LTDA ME MERCEARIA AVILA FERNANDES LTDA ME MERCEARIA E PANIFICACAO AGATA LETICIA LTDA ME MERCEARIA LIDER 17 DE PRODUTOS ALIMENTICIOS LTDA ME METHA CONSTRUTORA LTDA METRO SERVICOS DE APOIO E MANUTENCAO LTDA ME

5 MEZZALIRA COMERCIO E IMPORTACAO LTDA ME MF COMERCIO DE CALCADOS E ACESSORIOS LTDA ME MFX ENGENHARIA ARQUITETURA E INCORPORACOES LTDA MFX ENGENHARIA ARQUITETURA E INCORPORACOES LTDA MGP ENTRETENIMENTO LTDA MICHELLE BRANDAO CRIVELLA GUIMARAES MILLETO AUTOMOVEIS LTDA ME MIX ONE COMERCIO DE CONFECCOES TECIDOS E AVIAMENTOS LTDA MIX ONE COMERCIO DE CONFECCOES TECIDOS E AVIAMENTOS LTDA ML PARTICIPACOES S A MODA DE XEREM COMERCIO DE ROUPAS LTDA MODA DE XEREM COMERCIO DE ROUPAS LTDA MOLOK SERVICOS AMBIENTAIS LTDA MONAZITA COMERCIO E CONFECCOES LTDA ME MONICA DE JESUS FOLCO MONICA REGINA BEGO COSMETICOS MONIQUE DOS REIS SOUZA MACEDO DA SILVA MONITOR EDITORA E PARTICIPACOES S/A MONTEIRO ARANHA PARTICIPACOES IMOBILIARIAS S/A MORAIS DE MACEDO EMPRETEIRA DE OBRAS LTDA MORAIS DE MACEDO EMPRETEIRA DE OBRAS LTDA MOZAR MARIO CORREA CAMPOS MR BONSUCESSO EDICOES CULTURAIS LTDA EPP MSM ESTACIONAMENTOS LTDA ME MULTI PILLBOX COMERCIO LTDA ME MULTIFUNCAO COMERCIO E SERVICOS LTDA ME MULTITEX LOGISTICA LTDA MUNDIAL C G PRODUTOS OFTALMICOS LTDA ME N B NASCIMENTO INSTALACOES N P ASSESSORIA E PUBLICIDADE LTDA N VIEIRA DE MATTOS FILHO ARTIGOS MEDICOS ME NATTAA SUPRIMENTOS DE INFORMATICA LTDA NATTAA SUPRIMENTOS DE INFORMATICA LTDA NEW LUCK DA VILA CABELEIREIROS LTDA ME NEW STAR LANCHES E REFEICAO LTDA ME NEW TIMES REPRESENTACAO COMERCIAL DE PRODUTOS TEXTEIS E ARTIGOS DE VIAGENS LTDA NEXTDAY GERENCIAMENTOS LTDA NICK MATERIAIS DE CONSTRUCAO LTDA ME NICOLE & LUANA POUSADA E RESTAURANTE LTDA ME NIGATA COMERCIO INTERNACIONAL LTDA NIKI PRODUCOES ARTISTICAS LTDA NILRACY DOS SANTOS NIVIA RIBEIRO GONCALVES NORONHA REPRESENTACOES COMERCIAIS LTDA NOVA CENTAURO TRASNPORTE LTDA NOVA PIRATININGA CORRETORA DE SEGUROS LTDA NOVA RIO SERVICOS GERAIS LTDA NOVA RIO SERVICOS GERAIS LTDA NOVA SANTA CRUZ COMERCIO DE ROUPAS LTDA NOVA SANTA CRUZ COMERCIO DE ROUPAS LTDA NTL NAVEGACAO E LOGISTICA S/A OCEANUS AGENCIA MARITIMA S/A OCEANUS AGENCIA MARITIMA S/A ODINEA BARBOSA SILVA OIL STATES INDUSTRIES DO BRASIL INSTALACOES MARITIMAS LTDA OLARIA ROUPAS CALCADOS E ACESSORIOS LTDA OLARIA ROUPAS CALCADOS E ACESSORIOS LTDA OLDAIR LIMA DE ALMEIDA MERCEARIA OLDAIR LIMA DE ALMEIDA MERCEARIA OLIBEL COMERCIO DE MATERIAL ELETRICO LTDA OLIVEIRA SILVA TRANSPORTES E PRESTADORA DE SERVICOS LTDA ONDA DIGITAL DE ITABORAI LTDA ME ONTECH PROJETOS LTDA ONTECH PROJETOS LTDA OPTOTAL HOYA S/A OPTOTAL HOYA S/A ORDINARIAS PRODUCOES ARTISTICAS LTDA ORLANDECI COUTO QUINTANILHA OTICA CABRAL LTDA OTICA CABRAL LTDA OTICA WEST CARIOCA LTDA OTIMA VEICULOS S/A PADARIA E CONFEITARIA NOVA BRISA MAR LTDA PADARIA E CONFEITARIA NOVA BRISA MAR LTDA PADARIA E CONFEITARIA SONHO MEU REQUINTE LTDA PAES & VINHOS PADARIA E DELICATESSEN LTDA PANELA DE PEDRA REFEICOES INDUSTRIAIS LTDA PANELA DE PEDRA REFEICOES INDUSTRIAIS LTDA PANIFICACAO E CONFEITARIA SANTA TECLA LTDA EPP PANIFICACAO LARANJAENSE LTDA PANIFICACAO LARANJAENSE LTDA PAPELARIA DA ESTACAO LTDA ME PAPPELIC RJ PAPELARIA E PRESENTES LTDA ME PARADA 921 VAZ LOBO LTDA ME PATGIL CONFECCOES LTDA ME PAUCHE INDUSTRIA E COMERCIO DE LINGERIE E ACESSORIOS LTDA ME PAULA DA CUNHA GARCIA PAULA DA CUNHA GARCIA PAULA PRINCESA COMERCIAL LTDA PAULO HOMERO BECK PAULO ROBERTO SANTANA PEIXARIA JORGE CABURE DO RECREIO LTDA ME PERFILADOS RIO DOCE S/A PIQ TA ARTIGOS INFANTIS LTDA PIQ TA ARTIGOS INFANTIS LTDA PITTI UOMO COMERCIO E REPRESENTACOES LTDA ME PLANEJA CORRETORA DE SEGUROS LTDA PLASTLAB INDUSTRIA E COMERCIO DE ARTEFATOS DE PLASTICOS LTDA PLASTLAB INDUSTRIA E COMERCIO DE ARTEFATOS DE PLASTICOS LTDA POLIMPORT COMERCIO E EXPORTACAO LTDA PORTFOLIO ASSET MANAGEMENT LTDA POSTO DE GASOLINA XANDRE LTDA PRAETORIUM INSTITUTO DE ENSINO PESQUISA E ATIVIDADES DE EXTENSAO EM DIREITO LTDA PRAETORIUM INSTITUTO DE ENSINO PESQUISA E ATIVIDADES DE EXTENSAO EM DIREITO LTDA PRATIKA SOLUCOES INTEGRADAS LTDA ME PRESS INDUSTRIA DA CONSTRUCAO CIVIL LTDA PRIMICIAS MODAS LTDA PRIMICIAS MODAS LTDA PROSAFE SERVICOS MARITIMOS LTDA QUEIJARIA DO RATINHO COMERCIAL LTDA ME QUESTERA CONSULTING S/A QUESTERA CONSULTING S/A QUEZIA SILVA BARBOZA DE CARVALHO R C COMERCIO DE CESTAS BASICAS LTDA ME R G EMPREENDIMENTOS IMOBILIARIOS LTDA R G EMPREENDIMENTOS IMOBILIARIOS LTDA R G SENNA MALUF TRANSPORTES ME R W R MATERIAIS DE CONSTRUCOES LTDA ME RAFA PINK E BLUE COMERCIO DE VESTUARIO LTDA ME RAIMUNDO JOSE DURANS RAL REFRIGERACAO MANUTENCAO E SERVICOS LTDA RAL REFRIGERACAO MANUTENCAO E SERVICOS LTDA RAPIDCRED ASSESSORIA FINANCEIRA E INFORMATICA LTDA ME RAQUEL DE SOUSA RODRIGUES RAQUEL DOS SANTOS PEREIRA RAYAN COMERCIO DE ALIMENTOS E BEBIDAS LTDA EPP RBX RIO COMERCIO DE ROUPAS LTDA REAL TEC ORTOPEDIA LTDA REGIANE GIANNETE REINALDO MENDES RENACER RENATO CEREAIS LTDA ME JUNTA COMERCIAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO PUBLICAÇÃO DE DESPACHOS RENTEQUIP LOCACAO DE EQUIPAMENTOS LTDA RESER ARTES GRAFICAS LTDA REVEILLEAU ASSESSORIA CONSULTORIA E PARTICIPACOES LTDA RGB LOCACAO DE EQUIPAMENTOS DE ILUMINACAO AUDIO E VIDEO LTDA ME RIBA CONSULTORIA EMPRESARIAL LTDA RICARDO JOSE DA SILVA COSTA RICARDO RAFAEL MAIA SOARES RIDOLPH CORTAT ROUPAS E ACESSORIOS LTDA RIDOLPHI CORTAT ROUPAS E ACESSORIOS LTDA RIO BRANCO 180 COMERCIO DE ROUPAS LTDA ME RIO DESIGN VIAGENS LTDA RIO DESIGN VIAGENS LTDA RIO GARE ESTACIONAMENTO LTDA ME RIO VOUGA TRANSPORTE LTDA RIO VOUGA TRANSPORTE LTDA RIOPLACAS SINALIZACAO DE LOGRADOUROS LTDA RM SERVICOS E MANUTENCOES PREDIAIS LTDA ROBERTA GOMES DOS SANTOS ROBERTO DE SOUZA RODRIGO DA SILVA TEIXEIRA RODRIGO DANTAS DE OLIVEIRA DE SOUZA RODRIGO MANOEL ROCHA ROMEU PADUA MATERIAIS DE CONSTRUCAO LTDA ME ROMIL I RIO S BAZAR MATERIAL DE CONSTRUCAO E SERVICO PESSOAL LTDA ME RONALDO JOSE MONTEIRO SALAO DE BELEZA ME ROSA E ROSE ATELIE E ALTA COSTURA LTDA ME ROSALIA GUIMARAES SILVA ROSANA RODRIGUES DA CRUZ ROSANGELA DA SILVA BRANDT ROSANGELA DA SILVA BRANDT ROZENILDO FRUTUOSO DINIZ RQON INFORMATICA E PUBLICIDADE LTDA RTP HOMEM DA COSTA PRODUCOES ARTISTICAS RTP HOMEM DA COSTA PRODUCOES ARTISTICAS RTT INFORMATICA E TELECOMUNICACOES LTDA EPP RUDKIDS COMERCIAL LTDA S E C SISTEMAS E CONSULTORIA LTDA S L PINHEIRO DISTRIBUIDORA DE PRODUTOS LTDA ME SAG RIO SERVICOS EMPRESARIAIS LTDA ME SAI AZUL S/A SALAO DE BELEZA INTENSE LTDA ME SALETUS COMERCIO DE ROUPAS LTDA ME SAMANTHA PALMEIRA DA SILVA SAMIRA RAMUCH RUBIRA SANDRA LEITE LIMA SANDRA MARIA SOUZA DA SILVA SANTA ROSA 2000 COMERCIO DE METAIS LTDA ME SAPATARIA MIRANDA LTDA SAPATARIA MIRANDA LTDA SAPATARIA POPULAR DO ESTACIO LTDA ME SARAH ORO COMERCIO DE ALIMENTOS LTDA SBX CAXIAS SHOPPING COMERCIO DE ROUPA LTDA SBX CAXIAS SHOPPING COMERCIO DE ROUPA LTDA SEA BROKERS BRASIL LTDA SEA REEF DO BRASIL LTDA SEA REEF DO BRASIL LTDA SEAPORT DO BRASIL COMERCIO INTERNACIONAL LTDA SEBASTIAO MIGUEL MARTINS SEEL SERVICOS ESPECIAIS DE ENGENHARIA LTDA SELMA DIAS DA SILVA SELMA SOARES NUNES SEMAPE DEPOSITO DE MADEIRAS E LENHAS LTDA ME SERGIO OLIVEIRA DE VASCONCELLOS SEROLANCHES TUDO DE BOM LTDA SEROLANCHES TUDO DE BOM LTDA SERVICOS MARITIMOS DIALCAR LTDA SHEILA SERAFIM VINCLER SHOPPING 224 CALCADOS E ACESSORIOS LTDA ME SIDERLOG - LOGISTICA LTDA SIDNEI SANTOS DE ABREU SIGHTGPS IMPORTACAO E REPRESENTACOES LTDA SILVA & BARRETO MATERIAIS DE CONSTRUCAO LTDA SILVA & BARRETO MATERIAIS DE CONSTRUCAO LTDA SILVERACO QUALYTHERM COMERCIO INDUSTRIA E PRESTACAO DE SERVICOS LTDA ME SIMQUIS EQUIPAMENTOS CIENTIFICOS LTDA ME SIMQUIS EQUIPAMENTOS CIENTIFICOS LTDA ME SIMQUIS EQUIPAMENTOS CIENTIFICOS LTDA ME SL SAO LUCAS EMBALAGENS LTDA SL SAO LUCAS EMBALAGENS LTDA SLP CONSTRUCOES E REFORMAS LTDA SLP CONSTRUCOES E REFORMAS LTDA SMD NEW LOOK BELEZA DAS UNHAS LTDA SMD NEW LOOK BELEZA DAS UNHAS LTDA SO METAIS COMERCIO DE ACO LTDA SO METAIS COMERCIO DE ACO LTDA SOLDASEG COMERCIO ATACADISTA DE MAQUINAS E EQUIPAMENTOS INDUSTRIAIS LTDA EPP SOLUCAO EMBALAGENS LTDA SOLVE SERVICE QUIMICA E MEIO AMBIENTE LTDA ME SOLVE SERVICE QUIMICA E MEIO AMBIENTE LTDA ME SONIA MARIA MAXIMIANO MACHADO ME SORVEFRAN COMERCIO E INDUSTRIA DE SORVETES LTDA SOUZA E CANTO COMERCIO MODAS E BAZAR LTDA SOUZA E CANTO COMERCIO MODAS E BAZAR LTDA SOUZA SAMPAIO GESTAO EMPRESARIAL LTDA SPE CINCO DE JULHO INCORPORACOES S/A SR SABOR RESTAURANTE LTDA SR SABOR RESTAURANTE LTDA SRVD COMERCIO DE MOTOS E CARROS LTDA SRVD COMERCIO DE MOTOS E CARROS LTDA STILLUS CAR TRANSPORTES EXECUTIVOS LTDA STUFF TECH CAPOTEIRO E MECANICA LTDA ME SUNGLASSES DA FREGUESIA COMERCIO DE OCULOS LTDA ME T RABELLO DOS SANTOS SALAO DE CABELEIREIROS T RABELLO DOS SANTOS SALAO DE CABELEIREIROS TAB COMERCIO DE MATERIAIS DE CONSTRUCAO LTDA TAB COMERCIO DE MATERIAIS DE CONSTRUCAO LTDA TAM SOLUCOES INTEGRADAS LTDA ME TANIMAR MATERIAIS DE CONSTRUCOES LTDA TANOS VIDEO LTDA TEBALDI E SOUZA ARTIGOS DE PAPELARIA LTDA ME TECNORAD TECNOLOGIA EM RADIODIAGNOSTICO LTDA TEIXEIRA LEAO ARTIGOS RECREATIVOS LTDA ME TELAKENT 2006 COMERCIO VAREJISTA DE VESTUARIO LTDA ME TELEMAR NORTE LESTE S/A TELEMAR NORTE LESTE S/A TEM TUDO DE ALCANTARA AUTO PECAS LTDA ME TEMPOLAR REFRIGERACAO E REFORMAS LTDA TEMPOLAR REFRIGERACAO E REFORMAS LTDA THAMAV PARTICIPACOES E EMPREENDIMENTOS LTDA THEOPHILO JOSE DE CARVALHO THERAPIE BELEZA E SAUDE LTDA THIAGO LUIZ SOUZA DOS SANTOS TOFFANI COMERCIO E SERVICOS DE TELECOMUNICACOES LTDA TRIGOBOM DISTRIBUIDORA DE ARTIGOS E ALIMENTOS LTDA ME TRIVEX OTICA LTDA ME TRM ILHA EMPREITEIRA E MATERIAIS LTDA ME TWESTY CONFECCAO E DISTRIBUICAO DE PECAS INTIMAS LTDA ME ULIMARC COMERCIO DE ALIMENTOS LTDA UNIDAS ARMAZENS GERAIS LTDA V I P LINE TRANSLADOS E LOCACAO DE VEICULOS EXECUTIVOS LTDA Sábado, 23, Domingo, 24, e Segunda-feira, 25 de Outubro de V L DO AMARAL - VIDRACARIA V L DO AMARAL VIDRACARIA VALDENIRA VIDRACARIA SERRALHERIA E BAZAR LTDA VALDENIRA VIDRACARIA SERRALHERIA E BAZAR LTDA VALDERCI FERREIRA DA SILVA ME VALE DO IPE RIO MADEIRAS LTDA VALE DO IPE RIO MADEIRAS LTDA VALMIR DOS SANTOS BRITO VAN OORD SERVICOS DE OPERACOES MARITIMAS LTDA VANDERLEY GOMES BEZERRA VERITAS DO BRASIL LTDA VERONICA OLIVEIRA DA SILVA VETCLIN CLINICA VETERINARIA LTDA VETCLIN CLINICA VETERINARIA LTDA VICTORI PARTICIPACOES S/A VICTORI SANEAMENTO LTDA VIDRACARIA VANGUAR DE MANGARATIBA LTDA ME VILA EMIL ABRAHAO COMERCIO DE MOVEIS LTDA ME VIPARIO COMERCIAL LTDA VIRTUALAB PARTICIPACOES S/A VISUAL PRODUCOES E MARKETING LTDA VISUALIZE INDUSTRIA E COMERCIO DE PLACAS LTDA VITOR NUNES DA SILVA VITORIA RENT A CAR LTDA ME VIVENDAS DA LAGOA INCORPORACAO E PARTICIPACOES LTDA VKTM INFORMATICA LTDA ME VOID RIDER INDUSTRIA E COMERCIO LTDA EPP W G MIRANDA COMERCIO DE VELAS E AROMAS W G MIRANDA COMERCIO DE VELAS E AROMAS WALLACE DO CARMO CARNEIRO WALLACE FONSECA DOS SANTOS WASHINGTON TEIXEIRA ROCHA WELLINGTON JOSE DE OLIVEIRA CAMPOS JUNIOR WILLEI TAVARES NERI DA SILVA WILSON CARVALHO DE OLIVEIRA WILSON SONS ULTRATUG PARTICIPACOES SA WLM INDUSTRIA E COMERCIO S/A WYTECH 603 EQUIPAMENTOS ELETRONICOS LTDA ME YNOVA COMERCIO DE ALIMENTOS LTDA EPP ZILDA DE ASSIS DA FONSECA Documento Indeferido PROC. EMPRESA BRASIL ECO DESIGN COMERCIO DE PRODUTOS ARTESANAIS LTDA DOCUMENTOS EM EXIGÊNCIA ECONOMIA Nono poço perfurado no pré-sal da Bacia de Santos confirma a estimativa de produção de até 8 milhões de barris de óleo A Petrobras distribuiu nesta sexta-feira comunicado confirmando informação divulgada mais cedo pela Galp Energia de que foi concluída a perfuração do nono poço na área de Tupi, no présal da Bacia de Santos, que comprovou o potencial de óleo leve e gás natural recuperável daquela jazida, estimado pela empresa entre 5 bilhões e 8 bilhões de barris de óleo equivalente. O poço está localizado no bloco BM-S-11 a cerca de 290 quilômetros da costa do Estado do Rio de Janeiro. A Petrobras é a operadora, com 65% de participação, sendo que a Galp Energia tem 10% e a BG Group, 25%. Segundo comunicado da estatal, o poço comprova que a acumulação de petróleo não só se estende até o extremo sul da área do Plano de Avaliação de Tupi, como, também, a espessura do reservatório com óleo chega a cerca de 128 metros, o que reduz as incertezas das estimativas de volume de hidrocarbonetos da área, confirmando todos os detalhes divulgados pela Galp. No comunicado da Galp, encaminhado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), de Portugal, o resultado da perfuração do novo poço reveste-se de grande importância porque definiu, entre outras variáveis, o nível do contato petróleo/água no prospecto, que indicou a maior espessura de rocha com petróleo para esta área entre as possibilidades estudadas. Além do grande volume recuperável estimado, o petróleo do Tupi tem uma densidade de 28º API, o que lhe confere excelente valor comercial. A declaração de comercialidade está prevista para o dia 31 de dezembro, sendo que, até lá, serão perfurados dois poços de delimitação. O novo poço, informalmente conhecido como Tupi SW, foi perfurado em lâmina de água de metros, a cerca de 290 km da costa do Estado do Rio e a 11 km a Sudoeste do poço Tupi Sul, onde é realizado o teste de longa duração nos reservatórios do pré-sal na Bacia de Santos. 5 A produtividade dos reservatórios será avaliada por meio da realização de testes de formação programados para os próximos meses. Confirmando-se as produtividades esperadas, o consórcio do BM-S-11 estudará a instalação, no sul da área de Tupi, de um dos primeiros navios-plataforma padronizados, projetados para operar no pré-sal da Bacia de Santos, informa a Galp.

6 6 Sábado, 23, Domingo, 24, e Segunda-feira, 25 de Outubro de 2010ECONOMIA Presidente do BNDES pede ações para proteger competitividade das empresas O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Luciano Coutinho, afirmou ontem que a valorização do real ante o dólar é nociva para a economia brasileira. Segundo ele, medidas precisam ser tomadas para evitar que o real valorizado reduza a competitividade de empresas nacionais no mercado internacional. A apreciação da taxa de câmbio é nociva, disse Coutinho, durante um evento na sede da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp). Não podemos ser ingênuos. Temos que proteger a competitividade das empresas e a geração de empregos no Brasil. Para Coutinho, essa valorização da moeda nacional é, em parte, causada por uma guerra cambial. Neste contexto, certos países tentam proteger suas indústrias reduzindo o valor da moeda local no mercado externo, facilitando a exportação de suas empresas. O presidente do BNDES afirmou que o governo está dedicado a evitar que a valorização do real cause danos à economia brasileira. As autoridades estão empenhadas para mitigar a valorização do câmbio, comentou. De acordo com dados disponíveis no site do Banco Central (BC), a taxa real do câmbio, deflacionada pela inflação do Brasil (IPCA) e dos Estados Unidos (CPI), apresentou uma apreciação de 31,38%, levando em consideração a base de comparação com junho de Acho que a sociedade brasileira inteira está apoiando e compreende a relevância de evitar uma apreciação exagerada e prolongada da taxa de câmbio, que só vai trazer prejuízos para o emprego e o desenvolvimento do Brasil, afirmou. Coutinho ressaltou que alguns segmentos manufatureiros já sentem efeitos nocivos diante do câmbio valorizado, mas destacou que esses problemas ainda não são sentidos pela indústria em geral. O executivo observou que a geração de postos de trabalho no Brasil está sendo muito boa, pois devem ser criados mais de 2 milhões de vagas formais neste ano. Mas a composição do emprego pode não ser ideal se nós permitirmos a valorização muito forte no câmbio, alertou. O presidente do BNDES observou que as fábricas no Brasil poderão ser prejudicadas com uma apreciação expressiva e prolongada do câmbio em duas frentes. Uma delas é a entrada maciça de importados com preços muito baixos e a outra seria a inibição dos exportadores de mercadorias, dado que o real exageradamente forte poderia eliminar condições de competitividade, especialmente em relação aos preços das mercadorias brasileiras com seus concorrentes internacionais. Coutinho destacou também que não há problema no ingresso de máquinas e equipamentos importados de alta tecnologia, que vão colaborar para o aumento da produtividade no Brasil. A dificuldade toda é quando começam a ter importações de produtos acabados, de componentes que vão esvaziando cadeias produtivas, comentou. Em alguns casos, estamos vendo déficit (comercial) em setores com capacidade competitiva e isso não seria observado se não estivéssemos diante de uma expectativa de valorização cambial, que leva determinadas empresas a mudarem de estratégia, frisou. Segundo Coutinho, a próxima reunião do G-20, que ocorrerá em novembro, na Coreia do Sul, será muito importante para que os atuais desequilíbrios cambiais, registrados em nível global, comecem a ser corrigidos. Ele antecipou que o ministro da Fazenda, Guido Mantega, e o presidente Luiz Inácio Lula da Silva devem levar uma mensagem aos participantes do fórum. De acordo com o presidente do BNDES, a mensagem irá destacar ser necessário que as políticas cambiais sejam coordenadas a fim de evitar que as desvalorizações de moedas em série tragam efeitos negativos para o mundo inteiro. É o mesmo que ocorre com o protecionismo (comercial), ressaltou, observando que se todos os países fazem protecionismo, todo o mundo sai perdendo. Ele destacou que as autoridade do G-20 começam a compreender que a guerra cambial é nociva para todos e espera que os resultados da reunião no próximo mês, em Seul, expressem avanços na área cambial. Cláudia Trevisan Enviada especial da Agência Estado em Seul A proposta do secretário do Tesouro dos Estados Unidos, Timothy Geithner, de fixar limites aos saldos comerciais de todos os países para tentar conter o risco de uma guerra cambial encontrou resistência ontem entre ministros do G-20, o grupo que reúne as maiores economias desenvolvidas e emergentes. A oposição não veio apenas da China, alvo dos americanos, mas de outras nações que têm vantagem em seu comércio internacional e obtêm parcela significativa de seu crescimento das exportações, como Alemanha e Japão. Geithner defendeu no encontro o estabelecimento de limites aos saldos em conta corrente de todos os países, tanto superavitários quanto deficitários. Segundo o ministro das Finanças do Japão, Yoshihiko Noda, Geithner propôs um teto de 4% do PIB para o resultado em transações correntes, indicador reúne as operações de uma nação com o restante do mundo e reflete sua vantagem ou desvantagem comercial. Mais do que opor desenvolvidos e emergentes, a iniciativa de Geithner provocou cisão entre países ricos deficitários e superavitários. O primeiro grupo tem como maior representante os Estados Unidos, que há anos registram déficits crônicos no comércio internacional, com mais importações do que exportações. A China lidera o segundo grupo, no qual é acompanhada de Alemanha e Japão, dois pesos pesados do mundo desenvolvido. Geithner defende que países superavitários limitem sua vantagem comercial e estimulem o consumo doméstico, enquanto os deficitários, como os Estados Unidos, adotem medidas de austeridade e elevem suas exportações. Países do G-20 com persistentes superávits deveriam adotar políticas estruturais, ficais e cambiais para estimular fontes domésticas de crescimento e suportar a demanda global, escreveu Geithner em carta endereçada aos participantes do encontro. O texto tinha um recado claramente dirigido aos chineses: Países dos mercados emergentes com moedas significativamente depreciadas e reservas adequadas precisam permitir que suas taxas de câmbio se ajustem ao longo do tempo a patamares consistentes com seus fundamentos econômicos. A adoção de tetos específicos foi descartada por alguns dos ministros. Fixar metas numéricas não seria realista, declarou o ministro das Finanças japonês. A Alemanha rejeita a proposta por considerar que sua vantagem comercial não decorre da depreciação da moeda, mas da competitividade das empresas alemãs. G-7 - A divisão dos países ricos ficou clara em reunião preparatória para o G20 realizada na manhã desta sexta pelo G-7, que reúne Estados Unidos, Japão, Alemanha, França, Inglaterra, Canadá e Itália. O grupo não obteve consenso em torno da sugestão de Geithner e decidiu que os americanos deveriam apresentála de maneira individual. Dentro do BRIC Brasil, Rússia, Índia e China a proposta também não foi bem recebida. Os Estados Unidos vão tentar colocar a questão do câmbio e do balanço em conta corrente do topo da agenda, com a intenção de pressionar a China a adotar compromissos nessas questões. Em minha opinião, é improvável que tenham sucesso, disse o vice-ministro das Finanças russo, Dimitry Pankin. Apesar da resistência à proposta americana, a questão dos desequilíbrios cambiais deverá estar presente na declaração final dos ministros do G-20, a ser divulgada hoje. A dúvida hoje era a ênfase que será dada ao tema. O mais provável é que a linguagem seja vaga o bastante para acomodar as divergências que ficaram evidentes no primeiro dia do encontro. A grande preocupação é como evitar que a tensão provocada por valorizações e desvalorizações excessivas leve a uma guerra cambial generalizada, nas quais os países tentarão obter vantagens competitivas por meio da depreciação de suas moedas. A questão cambial pauta o debate econômico global, com países como o Brasil tentando conter a apreciação provocada pelo forte fluxo de capitais externos. O real valorizado encarece as exportações e barateia as importações brasileiras, o que representa um risco de desindustrialização do país, já que torna mais vantajoso comprar produtos acabados do exterior do que produzi-los internamente. Rosangela Dolis, Silvana Rocha e Denise Abarca Tal como na véspera, a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) voltou a assistir fuga de capital externo nesta sexta-feira, motivada pelas crescentes preocupações de investidores estrangeiros de que o governo amplie o IOF sobre capital externo também no mercado de ações, como já fez na renda fixa, ou adote até mesmo outras medidas restritivas, como a quarentena. Esses temores foram reforçados à tarde por declarações do secretário do Tesouro Nacional, Arno Augustin, de que o governo tem uma grande quantidade de medidas em estudo (para controlar o mercado de câmbio), que poderão ser lançadas a qualquer momento, conforme a situação exigir. Paulo Hegg, operador da Um Investimentos, comenta que as saídas de capital estrangeiro se intensificaram desde quinta-feira. Os investidores vão ficar atentos ao movimento do câmbio local em reação às recentes medidas do governo e às decisões do encontro do G-20 neste fim de semana. Uma continuidade da desvalorização do dólar aumentará ainda mais o receio de que o governo venha a adotar restrições também na renda variável, diz. A Bolsa brasileira fechou em queda de 0,18%, aos ,73 pontos. Ao longo da sessão, o Ibovespa oscilou entre a máxima de ,61 pontos, em alta de 0,95%, e a mínima de ,04 pontos, em queda de 1,16%. O volume financeiro atingiu R$ 6,213 bilhões, ante R$ 7,323 bilhões na quinta-feira. A baixa da Bovespa só não foi maior porque as ações das siderúrgicas subiram fortemente, por causa das ações da Receita Federal para coibir importações irregulares de aço. Usiminas ON valorizouse 3,91% e PNA, 3%, respectivamente, segunda e terceira maior alta do Ibovespa; Gerdau PN subiu 0,54% e CSN ON, 1,72%. A medida trouxe, porém, expectativa de aumento de custos para construtoras, o que reforçou tendência de baixa para ações do setor, já prejudicadas por realizações de lucro por estrangeiros Papéis do setor pesaram, com perdas maiores que 1%. PDG Realty caiu 2,76%; Gafisa ON, 2,17%; MRV ON, 1,13%; Rossi ON, 1,09%; Cyrela ON, 1,01%; e Brookfield ON, 0,56%. Além das construtoras, Vale também voltou a ser porta de saída de estrangeiros, mas no final a ação ON fechou em alta de 0,09% e a PNA, em queda leve de 0,19%. Os papéis da Petrobras resistiram em leve alta, de 0,26% (ON) e 0,21% (PN). As bolsas americanas fecharam em direções divergentes. O Dow Jones caiu 0,13%, deprimido pela redução de lucros da Verizon, que divulgou balanço nesta sexta, e por preocupações com a American Express, em razão da fraca demanda por novos empréstimos. Já o Nasdaq subiu 0,80% e o S&P500 avançou 0,24%. Câmbio - A moeda americana à vista fechou esta sexta-feira cotada a R$ 1,706, em alta de 0,65% no balcão, e a R$ 1,7065 (+0,59%) na BM&F. O giro total à vista registrado até 17h somava US$ 2,675 bilhões (US$ 2,301 bilhões em D+2). Nesse horário no mercado futuro, o dólar novembro/2010 avançava 0,76%, a R$ 1,713, após bater máxima de R$ 1,714. Nos dois leilões do dia, o Banco Central fixou a taxa de corte na compra de dólares em R$ 1,6956 na primeira atuação, e em R$ 1,7054 na segunda. No mercado internacional, às 16h56, o euro era cotado a US$ 1,3932, de US$ 1,3949 no fim da quinta-feira. O dólar subia a 81,37 ienes, 81,16 ienes de quinta-feira. Juros - O DI janeiro de 2012 ( contratos) projetava 11,36%, de 11,34% no ajuste de quinta-feira; o DI janeiro de 2013 ( contratos) subia de 11,78% para 11,85%; o DI janeiro de 2014 ( contratos) avançava de 11,78% para 11,87%; e o DI janeiro de 2017 ( contratos) estava em 11,81%, de 11,74% quinta-feira. Juarez Domingues Carneiro Análise Contábil P oucos dias depois da tragédia que abalou centenas de famílias no Nordeste do País, devido às fortes chuvas que inundaram inúmeras cidades, no mês de junho último, a Classe Contábil brasileira deu início a uma campanha de âmbito nacional para arrecadar recursos a fim de construir pelo menos 100 casas para as famílias desabrigadas pelas chuvas em duas das cidades mais atingidas, que foram Santana do Mundaú, em Alagoas, e Água Preta, em Pernambuco. Passados quatro meses do início da campanha, intitulada SOS Santana do Mundaú (AL) e Água Preta (PE), quando houve uma verdadeira mobilização dos contabilistas brasileiros, foi assinado em Florianópolis, Santa Catarina, dia 20 deste mês, um termo de compromisso com 13 Conselhos Regionais de Contabilidade (CRCs) para dar mais um impulso à Campanha. Este termo de compromisso já havia sido firmado por outros 14 CRCs, no mês de setembro, em Belo Horizonte, e, hoje, podemos contar com a adesão, o envolvimento e o apoio dos 27 Conselhos Regionais de Contabilidade de todo o País, que compõem o Sistema CFC/CRCs em torno da iniciativa. Além do comprometimento do Sistema CFC/CRCs, a campanha tem o apoio da Fundação Brasileira de Contabilidade (FBC), da Federação Nacional das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações Para receber as doações, foi disponibilizada uma conta específica para a campanha, na Caixa Econômica Federal, aberta pela Fundação Brasileira de Contabilidade (FBC) na agência: 0647, operação: 003, conta corrente: e Pesquisas (Fenacon), da Academia Brasileira de Ciências Contábeis (Abracicon), do Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas no Estado de São Paulo (Sescon-SP) e do Serviço Voluntário de Assistência Social (Servas). Para podermos atingir o nosso objetivo estamos disponibilizando uma conta específica para a campanha, na Caixa Econômica Federal, aberta pela Fundação Brasileira de Contabilidade (FBC) na agência: 0647, operação: 003, conta corrente: 621-4, onde recebemos as doações das entidades e dos contabilistas de todo o Brasil, atualmente um contingente de aproximadamente de 450 mil profissionais. A Fundação Brasileira de Contabilidade, uma entidade de natureza cultural com personalidade jurídica de direito privado sem fins lucrativos, além de ser responsável pelo recebimento dos recursos doados, fará a destinação dos valores para as obras, e fiscalizará o andamento dos trabalhos. Periodicamente, relatórios contábeis, com informações sobre o andamento da construção das casas e a utilização dos recursos nas obras, serão fornecidos à sociedade, por meio do site da Fundação Brasileira de Contabilidade (FBC). Com o esforço, a colaboração e a adesão das entidades e da classe contábil brasileira estamos certos de que a meta mínima estipulada de construir 50 casas em Santana do Mundaú e 50 em Água Preta será atingida. Esperamos, sinceramente, com esta iniciativa, contribuir para amenizar o sofrimento de centenas de famílias que viram suas casas serem arrastadas pelas chuvas e, hoje, estão ao relento ou alojadas em abrigos em condições precárias, esperando um socorro de alguma parte. O SOS da Classe Contábil chegará a estas famílias e nós nos alegraremos muito em ver o sofrimento dessas pessoas aliviado, ficando gratos pela oportunidade de contribuir. Juarez Domingues Carneiro é presidente do Conselho Federal de Contabilidade, graduado em Ciências Contábeis e em Direito pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e em Administração e Gerência pela ESAG. Possui também especialização em Organização de Sistemas e Métodos pela UFSC, mestrado em Engenharia de Produção pela UFSC e é doutorando em Engenharia e Gestão do Conhecimento também pela UFSC. C U R T A Número de celulares no País cresceu 1,08% em setembro O número de celulares habilitados no País cresceu 1,08% em setembro na comparação com agosto, segundo a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). A quantidade de acessos registrados no mês passado chegou a Com isso, o total de serviços móveis habilitados chegou a Os pré-pagos continuam dominando o mercado. Segundo a Anatel, do total de acessos existentes, 82,14% correspondem aos pré-pagos e os 17,86% restantes, aos pós-pagos. A Vivo lidera a quantidade de acessos ativos, respondendo por 30,14% do total, seguida da Claro, com 25,47%. A TIM vem logo depois, com 24,52% do mercado. A Oi tem uma fatia de 19,51%. Com menores participações aparecem a CTBC (0,31%), a Sercomtel (0,04%) e a Unicel (0,01%).

7 PESQUISA Dilma amplia vantagem para 10 pontos percentuais Daniel Bramatti, colaborou Gustavo Uribe Em seis dias, a candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, ampliou de seis para dez pontos percentuais sua vantagem em relação ao tucano José Serra, segundo pesquisa Datafolha feita na quinta-feira. Em relação ao levantamento anterior do mesmo instituto, realizado entre os dias 14 e 15, Dilma subiu três pontos, enquanto Serra oscilou um para baixo. Levando-se em conta apenas os votos válidos (excluídos brancos e nulos), a petista lidera por 56% a 44% - na semana anterior, o placar era de 54% a 46%. Entre as mulheres, Dilma oscilou de 43% para 45%, enquanto Serra passou de 43% para 41%. Entre os homens, a petista ampliou sua vantagem de 12 para 17 pontos (55% a 38%). A divisão do eleitorado por regiões mostra que a candidata do PT se distanciou ainda mais de seu o adversário na Região Nordeste, chegando a 37 pontos de vantagem (65% a 38%). Ela também assumiu a ponta no Norte/Centro-Oeste, com 49% a 42% - na semana anterior, havia empate entre os candidatos na região. No Sul, Serra se mantém na liderança, vencendo por 50% a 39%, e no Sudeste persiste o empate técnico (44% para a petista e 43% para o tucano). C U R T A S Erenice Guerra é multada em R$ 20 mil por uso indevido de blog O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) multou na quinta-feira exministra da Casa Civil Erenice Guerra em R$ 20 mil. Em 14 de setembro, ela usou o Blog do Planalto para se defender no episódio do suposto tráfico de influências no governo federal. Ontem, por 6 votos a 1, o TSE concluiu que a ex-ministra desrespeitou a legislação ao utilizar um veículo oficial para divulgar uma nota na qual falou sobre o processo eleitoral tentando relacionar as referências a um candidato, que segundo ela, seria aético e já derrotado. De acordo com os advogados da coligação que apoia a candidatura de José Serra, autores da representação, Erenice teria feito referência ao tucano. Pesquisas de intenção de voto divulgadas na época sustentavam que a candidata do PT, Dilma Rousseff, venceria no primeiro turno. Mas como Dilma Rousseff não obteve a maioria dos votos, ela disputará o segundo turno com José Serra no dia 31. Jovem de 21 anos mata sogro a facadas em Tatuí (SP) Terminou em tragédia familiar a separação de um jovem casal de classe média em Tatuí, na região de Sorocaba. Inconformado com a decisão da mulher de se separar, Papick Vicelli, de 25 anos, filho de um médico psiquiatra conhecido na cidade, esfaqueou e matou o sogro, na noite de quinta-feira. Ele também agrediu a facadas a sogra e a ex-esposa. Os crimes aconteceram depois de uma discussão, na casa dos pais da jovem. Ele queria reatar a relação, mas o sogro se opunha. Exaltado, Papick sacou a arma e avançou contra o pai de sua ex-esposa. O homem recebeu dez facadas e morreu na hora. A jovem e a sogra também foram atingidas pelos golpes. Os pais de Papick tentaram acalmá-lo e também foram feridos. O rapaz só foi contido após a chegada da Polícia Militar. As vítimas foram atendidas na Santa Casa da cidade. A ex-mulher do agressor continuava internada hoje, mas estava fora de perigo. O rapaz foi preso em flagrante. Operação da PF contra tráfico de drogas prende 26 pessoas Pelo menos 26 pessoas foram presas durante a Operação Tocaia da Polícia Federal nesta sexta-feira. A operação, que visa a desarticulação de uma organização criminosa que realiza o tráfico de drogas em Foz do Iguaçu, no Paraná, contou com a Divisão Estadual de Narcóticos e com o apoio da Força Nacional de Segurança, além da própria Delegacia da PF da região. De acordo com a PF, a organização é especializada na aquisição de maconha e crack, em território paraguaio e na remessa da droga para os estados do Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, São Paulo, Minas Gerais e Bahia. Há um total de 33 mandados de prisão expedidos, dos quais 26 já foram cumpridos, e mais 27 mandados de busca e apreensão. Inspetor da PRF é baleado em emboscada em Simões Filho (BA) O coordenador do posto da Polícia Rodoviária Federal em Simões Filho (BA), região metropolitana de Salvador, Jonaldo Gonçalves Correia, de 58 anos, foi baleado, na manhã desta sexta-feira, quando seguia para o trabalho. O policial, atingido por dois tiros, foi transferido para o Hospital Geral do Estado e não corre risco de morte. De acordo com o relato de Correia aos colegas, no hospital, seu carro foi interceptado por um Voyage preto na saída de um viaduto. Os ocupantes do carro teriam descido e anunciado um assalto. O policial reagiu, dando início uma troca de tiros. De acordo com ele, um dos assaltantes também ficou ferido, mas conseguiu fugir com o grupo. No Sul, 3 são presos distribuindo alimentos em caminhão de Serra Três pessoas foram presas na tarde de quinta-feira, no interior do Rio Grande do Sul, distribuindo cestas básicas em um caminhão adesivado com a campanha do candidato à Presidência pelo PSDB, José Serra. O crime eleitoral foi flagrado no município de Coxilha, vizinho a Passo Fundo, a 280 quilômetros de Porto Alegre. Uma denúncia foi recebida na promotoria eleitoral através de um telefonema, em que foi narrado que o caminhão teria saído de Passo Fundo em direção ao bairro Cohab, em Coxilha. No caminhão teriam cestas básicas para a compra de voto. O MP alertou o a Polícia Rodoviária da Brigada Militar, que fez a vistoria e confirmou a presença do carregamento e a entrega da mercadoria. PAÍSSábado, 23, Domingo, 24, e Segunda-feira, 25 de Outubro de CONFRONTO Coligação de Serra pede investigação de agressão Representação solicita ao procurador-geral da República instauração de inquérito Anne Warth A coligação O Brasil Pode Mais, do presidenciável José Serra (PSDB), anunciou o ingresso de representação pedindo ao procurador-geral da República, Roberto Gurgel, a instauração de inquérito na Polícia Federal (PF) para investigar a participação de Sandro Alex de Oliveira Cezar, candidato derrotado a deputado estadual pelo PT no Rio de Janeiro, e de José Ribamar de Lima, diretor do Sindicato de Agentes de Combate a Endemias, no ato da última quarta-feira, que resultou em agressão ao tucano, no Rio de Janeiro. A ação pretende ainda que seja apurada a participação de outros envolvidos, a serem identificados. Na avaliação da coligação, a tentativa de impedir a caminhada promovida pela campanha de Serra viola os artigos 248, 331, 332 do Código Eleitoral, que proíbem que pessoas impeçam o exercício da propaganda eleitoral e inutilizem, alterem ou perturbem os meios utilizados para a propaganda. O artigo 248 não prevê punição, mas o artigo 331 prevê detenção por até seis meses ou pagamento de 90 a 120 diasmulta. O artigo 332 também prevê detenção de até seis meses e pagamento de 30 a 60 dias-multa. Durante a entrevista coletiva para falar sobre a representação, o senador eleito Aloysio Nunes (PSDB-SP) condenou a agressão. Esse tipo de ação desemboca no chavismo, afirmou. Tentaram impedir de forma violenta, com impropérios, gritos e barreira humana. É algo inadmissível no regime democrático. O senador relacionou a agressão a militantes e políticos do PT. Havia uma manifestação pacífica que foi brutalmente perturbada, hostilizada e depois interrompida por uma tropa de choque preparada e organizada previamente e dirigida por militantes e políticos do PT, afirmou. Este é o fato mais grave: a utilização, em um Brasil democrático, de uma tecnologia patenteada pelos fascistas da Itália na década de 1920, que consiste em trocar o debate de ideias pela desordem nas ruas e porrada nos adversários. O senador eleito condenou ainda a postura do presidente Luiz Inácio Lula da Silva no episódio, que levantou dúvidas sobre a veracidade da agressão e ironizou Serra. O mais grave ainda é o fato de o presidente da República, em vez de censurar os desordeiros, se permitir a caçoar da vítima, afirmou. Dilma não culpa Serra por agressão Eduardo Kattah A candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, criticou ontem o presidenciável tucano José Serra, por explorar o episódio no qual foi atingido na cabeça por um objeto durante uma confusão entre petistas e militantes do PSDB em Campo Grande, no Rio. Dilma lembrou que no dia seguinte, na quinta-feira, foi alvo de um balão cheio de água durante visita a Curitiba e nem por isso acusou a campanha adversária. Não tinha nenhuma briga nesse momento, não tinha nesse momento da bola caindo na minha cabeça, que eu recuei o corpo, não tinha briga nenhuma. Foi alguém deliberadamente que fez isso. Eu não saí por aí acusando a campanha dele, disse a petista. A campanha de Serra tem explorado o fato nos programas eleitorais. Você sabe o peso de uma bola, de um balão cheio de água jogado do 12º andar, que afunda um pouco um teto de um carro? É bastante pesado. Eu fui objeto disso ontem, vocês podem olhar, não fui nem eu que disse isso. Os jornalistas presenciaram esse fato. Então eu acho que tem de ter muito cuidado em ficar transformando episódios..., afirmou, ao ser questionada se Serra estava exagerando. A petista garantiu que se depender do PT a campanha não se acirrará ainda mais. Da nossa parte eu não acredito. E aí eu te digo com a sabedoria mineira. Aqui em Minas a gente fala: quando um não quer dois não brigam. O presidente nacional do PT, José Eduardo Dutra, minimizou o fato e as críticas do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que classificou o episódio envolvendo Serra como uma farsa. Acho que é uma discussão absolutamente bizantina se foi uma fita crepe, se foi uma bolinha (de papel). O episódio em si foi lamentável. Dutra disse que e está orientando a militância em todo País PT tenta desmobilizar atos no Rio Alfredo Junqueira A coordenação de campanha de Dilma Rousseff no Rio tentou desmobilizar pelo menos três eventos programados por movimentos sociais ligados ao PT na Praia de Copacabana, neste domingo de manhã. No mesmo local e horário, José Serra e Aécio Neves programaram uma passeata. Apesar do apelo dos dirigentes petistas para se evitar confrontos, há o temor de que novos episódios de violência voltem a acontecer. Além dos mata-mosquitos, os dirigentes petistas estavam preocupados com um protesto que havia sido programado por entidades ligadas à defesa dos direitos dos homossexuais e com duas atividades de movimentos culturais. As três bexigas cheias de água que foram atiradas contra Dilma durante evento no Paraná, na Lula evita responder sobre ataque a Serra Tânia Monteiro Ao contrário de ocasiões anteriores, quando fez questão de falar com a imprensa para criticar a campanha do adversário do governo na disputa presidencial, José Serra, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva não quis falar com a imprensa, nesta sexta-feira, depois de participar de cerimônia comemorativa do Dia do Aviador, na Base Aérea de Brasília. Perguntado se teria se precipitado, quinta-feira, ao afirmar que Serra teria sido atingido na última quarta-feira por uma bolinha de papel, Lula sorriu, acenou e foi embora. Novas imagens divulgadas quinta-feira à noite mostram que Serra foi atingido por outro objeto, mais pesado, além da bolinha de papel quinta-feira, também mobilizaram o partido. Segundo integrante da coordenação de campanha da petista, militantes do partido estavam revoltados contra o ato hostil à candidata e prometeram dar uma resposta justamente durante a passeata de Serra. Manifestantes que participaram do ato pró-dilma e contra as privatizações no Centro do Rio, também na quintafeira, teriam organizado grupos para atrapalhar o evento do tucano neste domingo. As bexigas contra a Dilma caíram como uma bomba durante o ato. Isso pode servir de catalizador para os militantes mais radicais É isso que a gente quer evitar, explicou um dos coordenadores da campanha da petista no Rio. Dirigentes petistas informaram que vão para a Praia de Copacabana assim que acabar a carreata que terá a participação a que o presidente se referiu. Durante a cerimônia, foi lida mensagem presidencial em comemoração ao Dia do Aviador. Nela, Lula enalteceu o trabalho das Forças Armadas e disse que ao assumir a Presidência constatou a importância das três Armas. Lula agradeceu também a presteza dos militares, durante o seu mandato, e fez um balanço das medidas que adotou para beneficiar as Forças Armadas. Entre elas, o aumento significativo da infraestrutura, recomposição dos quadros, criação da estratégia nacional de defesa e reordenamento do Ministério da Defesa. No final da cerimônia, Lula posou para fotografias e permaneceu ao lado do presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Ricardo Lewandowski. da candidata e do presidente Luiz Inácio Lula da Silva nos bairros de Realengo e Bangu, na Zona Oeste. O objetivo, segundo eles, será monitorar a presença dos militantes que estiverem na orla durante o evento de Serra e evitar qualquer tipo de confronto. Para que esses métodos não prosperem, uma vez que são estimulados de cima, é que estamos tomando medidas judiciais para deter esse processo, afirmou. Se isso continuar, vamos precisar pedir autorização do PT para existirmos politicamente. O senador Sérgio Guerra, coordenador da campanha de Serra à sucessão presidencial, disse não ter dúvidas de que os atos estão relacionados ao PT e ao governo federal. Coisa de petismo, coisa do governo, definiu. O tucano disse ainda que a representação à PGR tem como objetivo não apenas defender a campanha do PSDB, mas também a democracia. Nossa campanha tem sido vitimada por uma ação absolutamente desequilibrada, autoritária e antidemocrática, não apenas dos partidos que nos enfrentam de uma maneira geral, e do PT em particular, mas das forças que dão sustentação e inclusive do presidente da República, afirmou. Temos agora de agir e nos preparar não apenas para a eleição, mas para defender a democracia. Não se trata da eleição de agora, não se trata da disputa dos próximos dias, se trata do futuro da democracia no Brasil. O presidente nacional do DEM, deputado Rodrigo Maia, também criticou o presidente Lula. Ele não se portou como um presidente dos brasileiros, mas como o presidente de uma facção de um partido, afirmou. O deputado federal Arnaldo Jardim (PPS-SP) disse que, a partir de agora, o objetivo da coligação será responsabilizar também o presidente Lula. O presidente Lula abdicou há muito daquilo que deveria ser seu papel institucional e constitucional, afirmou. Ele se comporta estritamente como cabo eleitoral da pior espécie. Nós queremos responsabilizar o presidente da República por todos e quaisquer atos que aconteçam. Seus comentários não só foram graves do ponto de vista do seu comportamento, mas foram estimuladores do pior comportamento possível, que é o da intolerância e do combate inclusive físico, afirmou. Quaisquer incidentes que por ventura venham a acontecer, no nosso entender, estarão diretamente motivados e estimulados por essa atitude irresponsável dos comentários do presidente da República, disse Jardim. O senador Álvaro Dias (PS- DB-PR) disse que o episódio demonstra a existência de um viés totalitário no governo federal. À frente disso está Dilma e não há como excluir o presidente da República, afirmou. para que os petistas não façam e não caiam em provocação. Temos consciência de que durante toda essa campanha fomos vítimas da mais baixa campanha eleitoral. Até porque violência não é só violência física. Calúnia e difamação, panfletos apócrifos, telemarketing apócrifo, isso também é uma violência. Mais uma vez, Dilma foi cautelosa ao comentar os resultados das últimas pesquisas de intenção de voto, nas quais aparece com vantagem média de 10 pontos porcentuais sobre o adversário. Para ela, seria um erro absoluto nesse momento calçar o salto alto e achar que já ganhou por conta da pesquisa. Integrante da Secretaria de Cultura do PT, o músico Léo Borges confirmou que haverá duas atividades de apoio à Dilma na Praia de Copacabana no domingo. Segundo ele, não havia nenhuma determinação da direção do partido para se cancelar os atos. EDITAL DE CITAÇÃO Com o pra zo de vin te dias O MM Juiz de Di re i to, Dr(a) Fer nan do Cer que i ra Cha gas - Juiz Ti tu lar do Car tó rio da Vara de Re gis tros Pú bli cos da Co mar ca da Ca pi tal, RJ, FAZ SABER aos que o pre sen te edi tal com o pra zo de vin te dias vi rem ou dele co nhe ci men to ti ve rem e in te res sar pos sa, que por este Ju í - zo, que fun ci o na a Av. Eras mo Bra ga, B CEP , Cen tro, Rio de Ja ne i ro, RJ cap vreg tra mi tam os au tos da Clas - se/assun to Ou tros pro ce di men tos de ju ris di ção vo lun tá ria - Can ce la men to, de nº ( ), mo vi da por HOTEIS OTHON S/A, ob je ti van do o can ce la men to de pro tes tos in di ca dos na pe ti ção ini ci al. Assim, pelo pre sen te edi tal CITAM os réus NADYA MARA GOULART NUNES MAMED; STYLLUS COMUNICAÇÃO S/C LTDA; EXPORT AMAZONAS IMPORTAÇÃO E EXPORTAÇÃO PROD ALIMENTÍCIOS LTDA e M M ASSE EVEN CONGRESSOS PROMOÇÕES LTDA, que se en con tram em lu gar in cer to e des co nhe ci do, para no pra zo de quin ze dias ofe re ce rem con tes ta ção ao pe di do ini ci al, que ren do, fi can do ci en tes de que pre su - mir-se-ão ace i tos como ver da de i ros os fa tos ale ga dos, caso não ofe re çam con tes ta ção. Dado e pas sa do nes ta ci da de de Rio de Ja ne i ro, 09 de ju nho de Eu, Gil son Men des Pe i xo to Fi lho - Subst. do Escri vão - Matr. 01/5509, di gi tei. E eu, Car men Lo pes de Alme i da Trin da de - Escri vão - Matr. 01/14346, o subs cre vo. Dr. Fer nan do Cer que i ra Cha gas, Juiz de Di re i to.

8 8 JUSTIÇA Sábado, 23, Domingo, 24, e Segunda-feira, 25 de Outubro de 2010 EXPLOSÃO/BAHIA Defesa vai recorrer de veredicto Para o advogado, a decisão do júri na madrugada de quinta-feira foi contrária às provas dos autos Gilberto Costa O advogado Alfredo Carlos Venet de Souza Lima, que defendeu esta semana os cinco réus julgados culpados em júri popular por causa da morte de 64 pessoas há 12 anos na explosão de uma fábrica de fogos de artifício em Santo Antônio de Jesus (a 100 quilômetros de Salvador, na região do Recôncavo Baiano), anunciou disposição de recorrer contra a condenação e chegar até o Supremo Tribunal Federal (STF), caso seja necessário. Os réus pertencem à família proprietária da fábrica de fogos. Quatro pessoas foram condenadas a dez anos e seis meses de prisão e uma teve pena de nove anos, por ser maior de 70 anos. Logo após o anúncio, o advogado pediu que os réus permanecessem em liberdade até o julgamento do recurso em uma das duas câmaras criminais do Tribunal de Justiça da Bahia, formadas por quatro desembargadores. Não há prazo para exame do recurso. Como eles responderam todo o processo em liberdade, sem causar nenhum tipo de transtorno, o juiz conferiu o direito de apelar em liberdade, explicou o Alfredo Venet Lima. Não havendo êxito, nós então vamos interpor recurso no STJ [Superior Tribunal de Justiça]. Não havendo êxito, temos ainda o STF. Portanto, nós temos ainda três instâncias para recorrer, contabilizou. Para o advogado, a decisão do júri na madrugada de quarta para quinta-feira foi contrária às provas dos autos. Imagine Logo após o anúncio, o advogado pediu que os réus permanecessem em liberdade até o julgamento do recurso no TJ da Bahia que a acusação fundamentou a sua pretensão punitiva em dolo eventual. É quando o agente não quer o resultado mas aceita o risco de produzi-lo. Ou seja, eles [os réus] estariam produzindo um resultado para matarem a si mesmos. Então, são suicidas porque também trabalhavam na fábrica DADOS CADASTRAIS Microsoft deve ajudar A 5ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio condenou a Microsoft a apresentar em 10 dias os dados cadastrais da conta do Hotmail usada por um hacker para violar o sistema do Instituto Brasileiro de Análises Sociais e Econômicas IBASE. O invasor roubou informações de usuários cadastrados no site da entidade e enviou a eles informativos alterados. Em sua defesa, a Microsoft argumentou, entre outras coisas, que não possuiria mais os dados. As regras do serviço Hotmail estabelecem que, se as credenciais de entrada permanecerem inativas por um longo período, serão excluídas (90 dias à época dos fatos 120 dias atualmente). A inatividade é definida como a não entrada em qualquer site ou serviço do passaporte network usando as credenciais. Se estas estiverem associadas a uma conta de gratuito do MSN ou Hotmail, a conta se tornará inacessível caso permaneça inativa por trinta dias, e a caixa de entrada será excluída. No entanto, o relator do processo, desembargador Antonio Saldanha Palheiro, lembrou em seu voto que o Código Civil brasileiro determina que a ação para pretensão de reparação civil prescreve em três anos. Além disso, o Comitê Gestor Internet Brasil (CGI.br) recomenda aos provedores de acesso que mantenham, por um prazo mínimo de três anos, os dados de conexão e comunicação realizadas por seus equipamentos (identificação do endereço IP, data e hora de início e término da conexão e origem da chamada). Assim, diante das regras do Código Civil combinado com as Recomendações para o Desenvolvimento e Operação da Internet no Brasil, deve a empresa manter em seus arquivos os dados cadastrais e demais documentações pelo prazo razoável de três anos e não trinta ou noventa dias como afirma, o que por conseqüência permite a determinação para exibição dos dados cadastrais do usuário da conta eletrônica indicada na petição inicial, concluiu o desembargador. JUSTIÇA MILITAR Extinto processo contra acusado de colisão Em decisão unânime, a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) extinguiu, processo penal militar em que um civil respondia por crime de dano a patrimônio público. No caso, o civil foi acusado de colidir veículo com viatura militar e o processo foi aberto na 3ª Auditoria da 3ª Circunscrição Judiciária Militar no Rio Grande do Sul. Pela decisão da Turma, a justiça militar não tem competência para processar o civil. Na concreta situação dos autos, não se extrai, minimamente que seja, a vontade do paciente [o civil] de se voltar contra as Forças Armadas e tampouco querer obstaculizar e impedir a continuidade de qualquer operação militar, ressaltou o ministro Carlos Ayres Britto, relator do processo. Ao votar, ele declarou a absoluta incompetência da Justiça militar para conhecer dessa causa. Na mesma linha se posicionaram os demais ministros da Corte. O que eu acho grave é que se instaure, em tempo de paz, inquérito As regras do Hotmail estabelecem que, se as credenciais de entrada permanecerem inativas por um longo período, serão excluídas policial militar contra civil. E que seja ele submetido a julgamento perante a Justiça militar, perante uma auditoria militar, em tempo de paz, ponderou o ministro Celso de Mello, decano do Supremo. O julgamento foi realizado por meio da análise de habeas corpus apresentado pela Defensoria Pública da União em defesa do civil. No dia 8 de setembro, o ministro Ayres Britto já havia concedido liminar para suspender o trâmite do processo militar, até o julgamento definitivo do habeas corpus. PELUSO como os demais, argumentou. Alfredo Venet Lima salienta que a fábrica era autorizada a funcionar pela 6ª Região do Exército e tinha alvará da prefeitura. Ele afirma que não havia nenhuma irregularidade formal na fábrica e a razão da explosão e do incêndio, escrita em laudo, seria o aumento da temperatura do local. O advogado de defesa disse que no recurso vai argumentar que os jurados sofreram pressão durante o julgamento, com a presença de representante da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH) e de parlamentares, como o deputado federal Nelson Pellegrino (PT-BA), que até abril foi secretário de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos da Bahia. Qual é a condição que os jurados, que são homens do povo, vendo aquele assédio, vão ter para julgar com isenção?, perguntou. É uma iniquidade [injustiça], frisou. Procurado pela Agência Brasil, Nelson Pellegrino afirmou que o defensor estava desinformado. Pellegrino afirmou que esteve no julgamento porque era uma das pessoas responsáveis pela denúncia feita sobre o caso à Comissão Interamericana de Direitos Humanos da Organização dos Estados Americanos (OEA). O parlamentar afirmou que o governo federal está sensível à situação dos atingidos e dos familiares das vítimas da explosão. Ainda segundo ele, a SDH e a Advocacia Geral da União (AGU) discutem a reparação econômica dessas pessoas, conforme o país se comprometeu a fazer na OEA. Impasse sobre lei Débora Zampier O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Cezar Peluso, afirmou nesta sextafeira que existe a possibilidade de os ministros mudarem de entendimento sobre a Lei da Ficha Limpa e a Corte sair do impasse criado sobre a aplicação da norma este ano. Perguntado sobre a chance do julgamento continuar empatado, Peluso disse que pode ser que o Tribunal encontre uma solução diferente das que foram propostas até agora. Possibilidade teórica sempre tem [de continuar empatado]. Eu não saberia fazer uma avaliação hoje. Se ninguém mudar de posição fica tudo como tava, mas pode ser até que o Tribunal encontre uma solução não alvitrada até agora, disse Peluso, durante visita à Central do Cidadão do STF. Entretanto, o ministro não quis informar qual seria a solução. Sobre a possibilidade de esperar por um novo ministro para decidir, Peluso acha que a responsabilidade do novato seria a mesma de como se ele já estivesse na Casa. Indagado se a escolha do ministro não colocaria muito poder na mão do presidente da República, o presidente do STF acredita que a Ficha Limpa não deve pautar a escolha do novo ministro. Veja se o presidente da República vai escolher um ministro em função de um julgamento que em termos de eleição chama atenção, mas que fora disso é rotineiro, disse Peluso, que também acha que o STF não está transferindo responsabilidade para o presidente caso o empate permaneça. Há um dado que tem que levar em conta: há recursos remanescentes que não chegaram ainda, que vão chegar depois, quando já tiver o novo ministro aqui, e o voto dele pode alterar tudo, disse. Segundo o ministro, a repercussão geral foi reconhecida apenas em um aspecto específico da Lei da Ficha Limpa renúncia para escapar de cassação mas que outros pontos da norma deverão ser analisados individualmente. Quanto a sua disposição em mudar o entendimento anterior sobre o voto de minerva no julgamento de Roriz, Peluso preferiu se abster de usar a ferramenta prevista no regimento interno do STF o presidente afirmou que prefere aguardar o julgamento. Eu estou disposto a aguardar o julgamento de quarta, disse o ministro, que também não descartou a possibilidade dos demais ministros da Corte se reunirem antes da sessão para conversarem sobre o caso. O STF julga nesta quartafeira o recurso relativo ao registro de Jader Barbalho (PMDB-PA), segundo candidato ao Senado mais votado no Pará, barrado pela lei da Ficha Limpa. O político renunciou ao mandato de senador, em 2001, para escapar de possível cassação por quebra de decoro. O caso é semelhante ao de Joaquim Roriz (PSC-DF), excandidato ao governo do Distrito Federal. O recurso de Roriz começou a ser julgado no STF no fim de setembro, mas perdeu o objeto do julgamento quando o candidato desistiu de concorrer ao pleito para indicar a esposa, Weslian Roriz. O relator do recurso de Barbalho é Joaquim Barbosa, que, no caso Roriz, votou a favor da aplicação da Lei da Ficha Limpa este ano. PARÁ Mutirão presos provisórios Pedro Peduzzi Mais de 60% dos presos de cinco unidades prisionais do Pará são provisórios. O índice é mais alto do que as médias nacional e internacional e constará nos resultados preliminares do mutirão carcerário a ser divulgado nesta sexta-feira por uma comissão de juízes do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Nós queremos saber o motivo de o percentual de presos provisórios no Pará ser tão alto. Lá, 60% dos presos são provisórios, nos outros estados esse índice é de 49%. Percentual bastante alto se comparado ao padrão internacional, que é de 20%, disse à Agência Brasil o supervisor do Departamento de Monitoramento e Fiscalização dos Sistemas Carcerários e Execução Penal do CNJ, conselheiro Walter Nunes. É ele quem lidera a comissão enviada ao Pará para verificar as condições em que os presos são mantidos. A situação por aqui não se difere do cenário observado nacionalmente, que apresenta condições desumanas de cumprimento de pena, superpopulação e de ambiência inadequada, observa Nunes. Nos chama a atenção o fato de haver tantos presos provisórios, provavelmente porque os processos não estejam andando com a velocidade que se queria. Processos - Segundo o conselheiro, falta técnica de gestão para identificar os presos provisórios. Em muitos tribunais, foi adotada a prática de marcar os processos envolvendo os [presos] provisórios de forma diferenciada dos demais processos. Ao que tudo indica, não estão sendo aplicadas as recomendações do CNJ, feitas por meio do plano de gestão das varas regionais e pelo manual de rotina, avalia o conselheiro. O relatório preliminar também trará uma crítica a duas unidades socioeducativas no estado, destinadas a menores infratores. Segundo Nunes, elas são verdadeiras delegacias, sem a menor condição de promover a readaptação social dos jovens. Contêineres - A comissão constatou que, na Unidade 1 do Presídio Estadual Metropolitano, em Belém, há presos vivendo em celas dentro de contêineres. A situação fica ainda pior em função do clima quente do estado. Eles faziam isso também no presídio feminino [conhecido como Primavera], mas, nesse caso, os contêineres já foram desativados, acrescenta. Ao todo, processos serão analisados no Pará. Até o momento, já foram concedidos 450 benefícios, como progressão de pena ou libertação de presos irregulares. Das 166 solturas advindas do trabalho da comissão, 118 foram de presos provisórios irregulares. Os números ainda são parciais e devem ser ampliados com os cerca de mil processos a serem analisados. D OVIDA E M E D U L A Ó S S E A Uma campanha do Gazeta de Notícias pela doação de medula óssea Doações: HEMORIO - DISQUE SANGUE ( ) Rua Frei Caneca, 8 - Centro - Rio de Janeiro - Tel.: jgn.com.br

9 VIOLÊNCIA DOMÉSTICA Thais Leitão As mulheres vítimas de violência doméstica no estado do Rio de Janeiro já podem buscar atendimento no fórum da capital durante toda a noite, nos fins de semana e em feriados. Com a inauguração da Central Judiciária de Abrigamento Provisório da Mulher Vítima de Violência Doméstica (Cejuvida), do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ), elas podem ser acolhidas provisoriamente após o expediente forense. A central, em funcionamento desde o início da semana, é a primeira deste tipo no país. Segundo a desembargadora Cristina Gáulia, presidente da Comissão Estadual dos Juizados de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher (Cojem), o serviço acolhe as vítimas encaminhadas por juízes; pelas delegacias especiais de Atendimento à Mulher (Deams); e ainda aquelas que à noite procuram o plantão do Judiciário. Seu funcionamento é das 18h de um dia até as 11h do dia seguinte, além de finais de semana e feriados. Nesses horários, os serviços especializados dos centros de Referência de Atendimento à Mulher, ligados aos governos estadual e municipal, estão fechados. De acordo com o Tribunal de Justiça do Rio, uma equipe técnica formada por oito servidores, entre psicólogos e assistentes sociais, é responsável pelo atendimento. Para a assistente social Lúcia Xavier, coordenadora da organização não governamental Criola, a ampliação do horário para receber essas mulheres é fundamental para garantir a segurança não só da vítima, mas também de outros integrantes das famílias, como os filhos. TJ-RJ conta com seis juizados de Violência Domiciliar contra a Mulher, sendo três na capital fluminense e três na região metropolitana Quando a agressão ocorre nesses horários elas muitas vezes ficam sem ter para onde ir, disse. Estamos falando de defesa da vida, não apenas da vítima direta, mas também de filhos e até idosos que moram com ela, afirmou. Ao todo, o TJ-RJ conta com seis juizados de Violência Domiciliar contra a Mulher, sendo três na capital fluminense e três nos municípios de Duque de Caxias e Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, e São Gonçalo, na região metropolitana. Em 2009, a Justiça do Rio encaminhou novos processos e este ano, até setembro, foram distribuídas mais ações sobre o assunto. Segundo estudo divulgado no início deste mês pelo Instituto de Segurança Pública (ISP), mais da metade (51,7%) das mulheres que registraram ocorrências de lesão corporal dolosa no ano passado sofreram essa violência por parte de companheiros ou excompanheiros. O levantamento mostra que o crime de homicídio doloso fez 371 vítimas do sexo feminino, o que significa uma mulher assassinada por dia em 2009, no estado. O Rio é o único estado do país que sistematiza todos os dados referentes à violência doméstica. GENOCÍDIO O exército norte-americano autorizou a tortura e matou centenas de civis em postos militares no Iraque ao longo dos últimos anos, informou nesta sexta-feira a emissora pan-árabe de televisão Al-Jazira com base em documentos secretos dos Estados Unidos vazados pelo WikiLeaks. Os arquivos secretos obtidos pelo WikiLeaks e repassados à Al-Jazira revelam a existência de uma ordem secreta da cúpula do exército dos EUA para que não fossem investigados os casos de tortura atribuídos a autoridades iraquianas descobertos pelas forças norte-americanas. Os EUA também acobertaram, segundo os documentos, o fato de centenas de civis iraquianos terem sido assassinados em postos de controle militar operados por soldados norteamericanos depois da invasão do Iraque, em março de 2003, por forças estrangeiras lideradas por Washington em busca de armas de destruição em massa que nunca vieram a ser encontradas. Ainda de acordo com a Al-Jazira, os EUA compilaram um registro de iraquianos mortos e feridos no conflito, apesar de o terem negado publicamente. Os documentos divulgados hoje revelam que a guerra no Iraque matou pelo menos pessoas entre a invasão do país árabe, em março de 2003, e o fim do ano passado, informou a emissora. Dos mortos no período, 63% eram civis, segundo os documentos secretos norte-americanos citados pelo canal. Eles (os documentos) mostram que houve vítimas do conflito, das quais morreram, entre 2003 e o fim do ano passado, detalha a emissora, com base nos dados obtidos pelo Wiki- Leaks.org. A expectativa em torno da iminência de um novo vazamento pelo WikiLeaks intensificouse nos últimos dias. A página da entidade na internet está fora do ar para manutenção e uma entrevista coletiva convocada por seus mantenedores é esperada para a manhã de sábado em Londres. Em sua página na internet, a Al-Jazira qualifica a nova ação do WikiLeaks como o maior vazamento de segredos militares da história. A emissora afirma ter sido beneficiada com acesso a quase documentos sigilosos dos serviços secretos dos EUA sobre a guerra no Iraque. Ainda de acordo com a Al-Jazira, seus jornalistas tiveram acesso total aos documentos no decorrer dos últimos dois meses e meio. CIDADESábado, 23, Domingo, 24, e Segunda-feira, 25 de Outubro de ECONOMIA Rio terá mais 40 mil Presidente da Jucerja diz que aumento representará acréscimo de 10% em relação a 2009 Alana Gandra DROGA Até o fim do ano serão abertas 40 mil empresas no Estado do Rio de Janeiro. A estimativa é da Junta Comercial do Rio de Janeiro (Jucerja). O presidente do órgão, Carlos De La Rocque, disse nesta sexta-feira que o número representará um acréscimo de 10% em relação ao total de empresas abertas em De acordo com dados divulgados pela Jucerja, vinculada à Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico, Energia, Indústria e Serviços (Sedeis), até setembro o número de novas empresas abertas no Estado atingiu Ainda temos mais outubro, novembro e dezembro. Está dando cerca de 3 mil (empresas) por mês. A gente vai bater 40 mil, disse De La Rocque. Em setembro, foram registradas novas empresas - um aumento de 8,7% em comparação ao mesmo mês do ano passado. Os segmentos mais procurados para a abertura de empreendimentos são vestuário e acessórios; restaurantes, bares e similares; perfumaria e cosméticos; informática. De La Rocque afirmou que o aumento de empresas abertas decorre do próprio crescimento do estado. Acho que o Estado está crescendo como um todo. O astral do Rio de Janeiro está mudando. As perspectivas de negócio são interessantes. A nossa renda média cresceu mais do que a média nacional. A Polícia Federal apreendeu 270 quilos de cocaína em Itaguaí, região metropolitana do Rio de Janeiro. A droga, que tinha como destino o porto da cidade e posteriormente a Itália, estava escondida em vasos de plantas em dois caminhões. Três homens um italiano e dois brasileiros foram presos. De acordo com o titular da Divisão de Repressão a Entorpecentes da PF, João Luiz Caetano, a droga apreendida veio de Santo André, no ABC Paulista para ser armazenada em um contêiner, numa chácara em Guaratiba, zona oeste do Rio. Segundo ele, a polícia recebeu a informação na sextafeira passada e desde então fazia a vigilância do local. Na quarta à noite um caminhão entrou na chácara e só saiu do local no dia seguinte, acompanhado de outro caminhão, em direção ao Porto de Itaguaí. A gente realizou a abordagem dos veículos e localizamos a droga que estava escondida debaixo da terra em vasos de plantas, explicou Caetano. Segundo o delegado, o motorista do caminhão que trouxe a cocaína de Santo André, o italiano, suspeito de ser o proprietário da droga, e o brasileiro que acompanhava o transporte da droga foram presos e encaminhados ao sistema carcerário do estado. A estimativa é que o valor da revenda da droga na Itália chegaria a 8 milhões de euros. MUNDO RECUPERAÇÃO A informatização da própria Jucerja também contribuiu para a ampliação de empresas abertas no estado, segundo De La Rocque. O ambiente de negócios está melhorando muito. Está facilitando que as empresas tenham mais agilidade. A implantação do Sistema de Registro Integrado (Regin), que permite a realização do processo via internet, tornou mais ágil o registro de novas empresas. O Regin já está disponível em algumas regiões e a ideia é que ele possa ser, em breve, ampliado para todo o estado do Rio. O maior problema, de acordo com o presidente da Jucerja, está nas prefeituras municipais e diz respeito à concessão dos alvarás, que são a autorização para funcionamento no local. Estamos rompendo algumas barreiras e, provavelmente, até o meio do ano que vem a maioria das empresas vai poder estar se registrando em 48 horas. Atualmente, em 72 horas os novos negócios conseguem se registrar na Jucerja e obter o Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) e a inscrição estadual. O presidente da Jucerja observou também que em função da instalação das unidades de Polícia Pacificadora (UPPs) nas comunidades carentes fluminenses, cresceu o número de negócios já existentes nessas localidades que estão buscando se formalizar. As pessoas estão se regularizando. Mulher passa bem Atingida de raspão no rosto, por uma bala perdida, Aneandra Rodrigues Moreira de Assis, passa bem. O incidente ocorreu durante uma perseguição policial na manhã desta sexta-feira, no Largo do Bicão, na Penha, zona norte do Rio. As informações sobre o estado de saúde de Aneandra são da Secretaria Estadual de Saúde. De acordo com a Polícia Militar, bandidos teriam tentado assaltar um posto de gasolina na região quando foram surpreendidos por agentes da Polinter. Arrastão - No bairro de Riachuelo, quatro homens promoveram um arrastão entre os veículos parados em um farol do bairro. Segundo a PM, os quatro bandidos estavam em duas motos e aproveitaram o farol fechado para assaltar os motoristas. Quando roubavam um dos veículos, três policiais civis que estavam próximos, em outro carro, começaram a atirar, dando início a um tiroteio. Ninguém ficou ferido e os bandidos fugiram Outro tiroteio com a polícia aconteceu na Linha Vermelha, no bairro Parque da Alegria. Quando a viatura passava pelo local, foi recebida por tiros. Outra tiroteio por cerca de cinco minutos, segundo a PM, mas ninguém ficou ferido ou sequer foi preso. FRANÇA Ministro do Trabalho afirma que opositores ainda agradecerão o governo O Senado francês aprovou nesta sexta-feira o plano do presidente Nicolas Sarkozy de reforma da previdência, que prevê o aumento da idade da aposentadoria dos 60 para 62 anos. O projeto de lei provocou uma ampla onda de protestos no país. Chegará o dia em que os opositores irão agradecer o presidente e o governo...por agir responsavelmente, disse o ministro do Trabalho da França, Eric Woerth, logo antes do Senado aprovar o projeto com 177 votos a favor e 153 contra. O governo conservador de Sarkozy, ansioso em aprovar rapidamente o pacote para tentar silenciar os crescentes e cada vez mais radicalizados protestos, usou um procedimento especial para cortar os debates sobre as mais de mil emendas propostas pelos socialistas ao projeto. Agora, a matéria deverá ser aprovada formalmente pelas duas câmaras do Parlamento na próxima semana. A linha-dura adotada pelo governo se estendeu aos grevistas nesta sexta-feira, quando a tropa de choque e a gendarmeria francesa obrigaram à reabertura da estratégica refinaria petrolífera de Grandpuits, com o objetivo de evitar a crescente falta de combustíveis nos postos. Apesar da ação policial, o primeiro-ministro da França, François Fillon, disse que levará vários dias para que o abastecimento de combustíveis seja restabelecido no país. Os sindicalistas se disseram ultrajados com a ocupação da refinaria estatal. Apesar dos protestos terem se reduzido um pouco nesta sexta-feira, com menos tumultos registrados em Lyon e em Paris, a oposição marcou greve e novas passeatas para o dia 28, próxima quinta-feira. A oposição socialista no Senado chegou a apresentar emendas ao projeto de lei, mas o partido União por um Movimento Popular (UMP) de Sarkozy, de centro-direita, possui a maioria na câmara alta, junto a seus aliados. Sarkozy e a UMP passaram com um rolo compressor e aprovaram a impopular reforma. Todas as emendas propostas pelos socialistas foram rejeitadas. O Ministério do interior disse que a operação de tomada e abertura de Grandpuits teve sucesso sem incidentes, mas a central sindical CGT disse que três petroleiros foram feridos pela truculência da polícia. A refinaria fica 80 quilômetros ao leste de Paris e abastece a capital de combustível, bem como os aeroportos Roissy- Charles de Gaulle e Orly. Comandos policiais invadiram a refinaria estatal da Total na madrugada de hoje, confrontando os petroleiros grevistas. Estamos ultrajados e escandalizados, disse Charles Foulard, líder dos petroleiros de Grandpuits. Os petroleiros acamparam na frente da refinaria por dez dias, bloqueando o acesso à instalação e contribuindo para a crescente falta de gasolina e diesel. Nesta sexta-feira, cerca de 20% dos postos da França não tinham nenhuma gota de combustível, menos que os 40% de alguns dias atrás. Ironicamente, como esperado, um tribunal de recursos da França deu permissão nesta sexta-feira para que a Total feche uma das suas refinarias, perto de Dunquerque. A empresa transformará o local em uma instalação para estocagem e pesquisa, por causa do excesso de refinarias na Europa. A França tem 12 refinarias, 6 das quais são da Total. O chefe da indústria nacional petrolífera, Jean-Louis Schilansky, disse que se esforça em importar petróleo para resolver o problema da falta de combustível, mas o problema é que as greves se alastraram para os dois terminais petrolíferos portuários do país, Le Havre e Marselha. SINDARG - SINDICATO DOS ARMAZÉNS GERAIS, TRAPICHES, TERMINAIS DE CARGA E RETROPORTUÁRIOS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CNPJ Nº / Edital de Convocação - Assembleia Geral Extraordinária - De acordo com o Estatuto Social, Artigo Décimo Segundo - Parágrafo Único e item c da AGO de , no que se refere ao sistema de convocações de assembleias, convocamos os associados do SINDARG para uma Assembleia Geral Extraordinária, a ser realizada na sede deste Sindicato, na Rua da Candelária nº 79, conjunto 701, nesta cidade, no próximo dia 26 de outubro de 2010, às 16:00 horas em primeira convocação e às 16:30 horas em segunda e última convocação, com qualquer número, para tratar da seguinte ordem do dia: 1) Eleição de um Membro Efetivo, em substituição ao Sr. Francis Fixel, junto ao Conselho de Autoridade Portuária no Porto de Forno, para o biênio 2010/2012. Rio de Janeiro, 19 de outubro de Thomas Klien - Diretor Presidente.

10 10 Sábado, 23, Domingo, 24, e Segunda-feira, 25 de Outubro de 2010 Depois dos 24 jogos disputados em vitórias e três derrotas, entre amistosos e partidas do Grand Prix está chegando a hora da estreia da seleção brasileira feminina de vôlei na principal competição do ano: o Campeonato Mundial, que começará no dia 29 de outubro. Após 25 horas de viagem desde o Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo, o Brasil chegou a Tóquio nesta sexta-feira. A equipe comandada pelo técnico José Roberto Guimarães ficará na cidade até o próximo dia 27 para o período de aclimatação. Oito horas após a chegada na capital japonesa, o time brasileiro já estava em quadra. A atividade foi leve, seguida de musculação. O objetivo principal foi evitar que as jogadoras dormissem durante o dia para que pudessem se adaptar rapidamente ao fuso horário: 11 horas à frente do Brasil. O técnico Zé Roberto alertou para as dificuldades que a equipe encontrará ao longo do Campeonato Mundial. Trabalhamos forte e tivemos uma boa preparação para a competição. Fizemos tudo o que podíamos durante o período de treinamentos em Saquarema. O Mundial é um campeonato que não admite erros. Todas as partidas são difíceis. Temos que jogar bem o tempo todo, comentou Zé Roberto. Campeã olímpica e jogadora mais experiente da seleção, com 30 anos, a líbero Fabi vai para o seu terceiro Mundial com a seleção nacional. Em 2006, a jogadora ARTES Fundada em 2007, a Panamérica circulou durante os últimos anos pela programação cultural do Rio de Janeiro SHOW Panamérica lança CD no Espaço Sérgio Porto René Ferrer, Sandro Black, Omar Salomão e Caio Barreto fazem participações Inspirada na diversidade rítmica e cultural das Américas, a Panamérica lança seu primeiro álbum, Mojitos, guitarras & tamborins (Las Ramblas), nesta terça-feira, às 21h, no Espaço Cultural Sérgio Porto. Com canções em português, espanhol e inglês, o show vai mostrar ao vivo a mistura que deu certo no disco: samba, rock, black music e música cubana. Formada por Rafael Duarte (cantor, compositor e violonista), Dingão (baterista), Ivan Mariz (guitarrista), Cesar Lago (baixista) e Flávio Sanribeiro (percussionista), a Panamérica estrutura seu trabalho em canções autorais, navegando pelas várias influências dos integrantes do grupo, principalmente o samba, o rock, a black music, a salsa e a música latina em geral, em especial os ritmos de Cuba. Após acumular boa experiência nos últimos anos em dezenas de shows realizados principalmente no circuito Lapa - Zona Sul do Rio de Janeiro, o grupo se concentrou no último ano nas gravações das 11 faixas registradas neste primeiro CD, cuja produção musical é assinada pelo guitarrista e arranjador Caio Barreto. As participações especiais do disco vão marcar presença na noite de lançamento. O cantor e rapper cubano René Ferrer aparece ao estilo Orishas em Sonido a La cubana, enquanto o Caio Barreto, ao violão, dá um nobre brilho em Voy a Cuba e em À Deriva. O poeta Omar Salomão ESPORTES também intervém numa versão musicada por Rafael Duarte de seu poema À deriva. Para o cantor e compositor Rafael Duarte, vocalista do grupo, o resultado final de Mojitos, guitarras e tamborins é uma síntese desta busca pela mistura musical e rítmica. Nós procuramos fazer um disco plural, em que todas as nossas influências fossem exploradas com naturalidade. Nos preocupamos em manter uma sinergia entre as canções, sempre transmitindo uma energia positiva, festeira e pra cima, explicou. Histórico - Fundada em 2007, a Panamérica circulou durante os últimos anos pela programação cultural do Rio de Janeiro, tendo se apresentado pelas mais diversas casas de shows. Se destacou Thomaz Bellucci pede que ex-tenistas ajudem o esporte a se reerguer no Brasil após Era Guga estava na equipe que conquistou a medalha de prata ao ser derrotada pela Rússia por 3 sets a 2. Por tudo o que já conquistou, o Brasil sempre entra como um dos favoritos nas competições. A pressão pelas vitórias existe, mas isso faz parte da rotina de uma jogadora da seleção brasileira, disse Fabi. Divulgação em festivais de música e eventos culturais dentro e fora do Rio, tais como Fórum Social Mundial 2008 (Aterro do Flamengo), Dia da Rua (2008 e 2010), Festa Nacional da Cerveja 2009 (Divinópolis MG), Mentes Urbanas 2007, Araka, Bulldog Rock Nights e Mixtureba Musical. O Panamérica Convida, produzido pela banda no Conversa Afinada Ipanema, recebeu bandas como VulgoQinho&osCara, Guerreiros de Jorge (do cantor e ator Thiago Martins), Luiz Duarte e Sucata de Luxo. No Rio, subiu nos palcos da Parada da Lapa (Fundição Progresso), Conversa Afinada Ipanema, Shopping Leblon, Posto 8, Melt, 00 (Zero Zero), Letras & Expressões, Saloon 79, Carioca Gourmet, Empório, entre outros. MUNDIAL DE VÔLEI Seleção feminina chega a Tóquio para aclimatação Brasileiras viajaram 25 horas e já realizaram treinamento na capital japonesa O primeiro adversário do Brasil na luta pelo inédito título mundial será o Quênia, no dia 29, em Hamamatsu. Antes disso, a equipe verde e amarela jogará um amistoso contra o Japão, na SEGUN- DA-FEIRA (25.10), às 5h30 (de Brasília), no Centro Olímpico do país, onde as duas seleções estão concentradas. LANÇAMENTO Nando Reis canta de tudo no Bailão do Ruivão Julio Maria Após dizer que gostaria de deixar o clube, Wayne Rooney renova com o Manchester United até 2015 Alexandre Arruda / CBV Bicampeão olímpico, Zé Roberto ainda busca seu primeiro mundial Anos 70, quadra do Clube Caiçara, Jaú, interior de São Paulo. Lá está Nando Reis, menino, maravilhado com a banda que faz o baile de carnaval da cidade. O natural seria imaginar que os seres que habitam o inconsciente emocional de um roqueiro que passou boa parte de sua vida ao lado de um grupo como o Titãs sejam Beatles, Rolling Stones, The Who, Eric Clapton. Claro, eles também devem estar lá, mas Nando resolveu abrir outras portas desta vez. O disco com DVD que lança agora, gravados ao vivo, Bailão do Ruivão, é um apanhado de músicas supra-populares, que saíram não necessariamente da vitrola de sua casa, mas que flutuavam por aí até atingi-lo sem pedir licença à sua própria vontade. O óbvio seria eu regravar rock em um disco como esse, mas não era isso que eu queria, diz Nando. O termo bailão já era usado sempre que a plateia pedia bis em seus shows. Ali, era a hora da diversão. Músicas que resolveu gravar agora, como Fogo e Paixão, de Wando, emendada a My Pledge of Love, do Joe Jeff Group, são tocadas há tempos em suas tirações de onda. Sem uma linha clara que defina o perfil do público que estaria na pista desse bailão (anos 60, forró, lambada, sertanejo, black music), Nando toca tudo aquilo que funciona quando resolve pagar o violão e relaxar. E faz um desfile de músicas que seguem apegadas a suas formas originais, com poucas invenções. O rock aparece pouco - na pegada de Rita Lee, com Agora Só Falta Você, ou na única lembrança dos ex-amigos de Titãs, com Bichos Escrotos. Whisky a Go Go, rainha em bailes de formatura e casamentos do Roupa Nova, sai tal qual a versão original, assim como a ensolarada I Can See Clearly Now, que Johnny Nash escreveu e cantou em 1972 mas que acabou agraciando foi a carreira de Jimmy Cliff, em Nando se incomodava com uma reação comum em seus shows. Quando disparava algo como Lindo Balão Azul, por exemplo, sentia olhares que pareciam dizer é cara, essa música tem mesmo que ser destruída, acabe com ela. Isso me incomodava, não queria parecer que estivesse fazendo escárnio daquilo. Gravadas em um álbum de carreira, elas perdem qualquer tom de ironia. Nando assumiu os riscos ao sair de seu terreno para fazer um disco sério de repertório engraçado. Apesar de não querer inovar nos arranjos, passei um tempo tocando essas músicas para descobrir o melhor formato de entrar nelas, diz. E assim segue um bailão sem DJ, daqueles que quem troca a música é o próprio dono da casa. Gostava Tanto de Você, de Tim Maia, vira uma balada um pouco mais solta que a original; Muito Estranho (Cuida Bem de Mim), de Dalto, recebe coralzinho emocionado da plateia. Aqui e ali, arrasta-pés radicalizam o manual Nando Reis para festas, bailes e afins. Com Chimbinha e Joelma, do Calypso, ele faz a lambada Chorando se Foi. Do repertório de Genival Lacerda, canta Severina Chique Chique. Do Calcinha Preta, dá o maior passo para distanciar-se de si mesmo com Você Não Vale Nada. E de Zé Ramalho, faz Frevo Mulher. Com Zezé Di Camargo e Luciano, canta duas: sua própria Do Seu Lado e a mais romântica Você Pediu e Eu Já Vou Daqui. Já que baile é para se divertir, e não refletir, o de Nando Reis ficou bem arretado. Leonardo declara amor ao Milan e descarta assumir o comando técnico da Roma VÔLEI DE PRAIA Juliana e Larissa são campeãs brasileiras Juliana e Larissa são tetracampeãs brasileiras de vôlei de praia. A dupla, atual pentacampeã mundial, garantiu o título nesta sexta-feira ao vencer os dois confrontos que disputaram na etapa de Salvador do Circuito Banco do Brasil. Com o resultado, elas somaram 3680 pontos e não podem mais ser alcançadas por nenhuma outra dupla, mesmo que não somem mais pontos nas últimas três etapas. Este ano, Juliana e Larissa já haviam conquistado o Circuito Mundial, também por antecipação, e tornaram-se a dupla que mais venceu etapas do Circuito Mundial, superando as lendárias campeãs olímpicas Walsh e May, dos Estados Unidos. Muito emocionada, Juliana dedicou o título a uma pessoa muito especial. Esse título eu dedico à minha família. Não era campeã brasileira há dois anos, porque havia lesionado o joelho em 2008 e não participei de algumas etapas em 2009 porque estava me recuperando. Mas minha família sempre esteve ao meu lado, me apoiando. Dedico especialmente a meu pai, José Felisberto, que hoje completa 73 anos. Ele é meu grande herói e devo a ele boa parte do que tenho hoje. Graças a Deus pude dar a ele essa conquista de presente. Nossas viagens para jogar nos impedem de passar mais tempo com nossos familiares, mas são eles que nos dão força para continuar lutando, disse Juliana. A alegria pela conquista de um título, como o Brasileiro, não tem como explicar. É o meu quinto título e a quarta vez que vencemos juntas essa competição e sempre é emocionante. Cada conquista tem um sabor especial. Agradeço à nossa comissão técnica, aos nossos familiares, que são fundamentais na nossa caminhada ao longo do ano, a Supergasbras, que nos apoia e patrocina desde o início e aos torcedores que estão sempre ao nosso lado. Vamos comemorar bastante, mas queremos fechar essa etapa com a medalha de ouro, disse Larissa, que venceu o Circuito Bando do Brasil em 2008 ao lado de Vivian, enquanto Juliana se recuperava da cirurgia no joelho. Na primeira partida do dia, elas venceram Aline e Alba por 2 sets a 0, com parciais de 18/10 e 18/15. O segundo desafio foi contra Chell e Michelle Carvalho e, novamente, venceram por 2 sets a 0 (18/15 e 18/16).

RESULTADOS. Nome Global ( /100) PT1840719 ADÃO AZEVEDO MALHEIRO MATOS BARBOSA 94 B1 PT1840720 ADRIANA MORAIS SOUSA 52 A1

RESULTADOS. Nome Global ( /100) PT1840719 ADÃO AZEVEDO MALHEIRO MATOS BARBOSA 94 B1 PT1840720 ADRIANA MORAIS SOUSA 52 A1 PT1840719 ADÃO AZEVEDO MALHEIRO MATOS BARBOSA 94 B1 PT1840720 ADRIANA MORAIS SOUSA 52 A1 PT1840721 ADRIANA XAVIER DA SILVA FERNANDES 38 Pré-A1 PT1840722 ALEXANDRA FILIPA AZEVEDO SANTOS 52 A1 PT1840723

Leia mais

Corrida da Saúde. Infantis A - Feminino

Corrida da Saúde. Infantis A - Feminino Corrida da Saúde Classificação geral do corta-mato, realizado no dia 23 de Dezembro de 2007, na Escola E.B. 2,3 de Valbom. Contou com a participação dos alunos do 4º ano e do 2º e 3º ciclos do Agrupamento

Leia mais

COMÉRCIO INTERNACIONAL CURSO DE ECONOMIA

COMÉRCIO INTERNACIONAL CURSO DE ECONOMIA COMÉRCIO INTERNACIONAL CURSO DE ECONOMIA CLASSIFICAÇÕES DO SEGUNDO TESTE E DA AVALIAÇÃO CONTINUA Classificações Classificação Final Alex Santos Teixeira 13 13 Alexandre Prata da Cruz 10 11 Aleydita Barreto

Leia mais

DEFESA DE MONOGRAFIA Sala: 101

DEFESA DE MONOGRAFIA Sala: 101 CURSO DE BANCA 1 15/12 (Terça) 17:30h Prof. André Brown de Carvalho, Prof. Carlos Henrique Soares e Profa. Carolina Silveira Machado ALINE SIMÕES BARROS A IMPORTÂNCIA DOS INDICADORES SOCIAIS E ECONÔMICOS

Leia mais

COMISSÃO ELEITORAL REDUZIDA. Ata da Quarta Reunião

COMISSÃO ELEITORAL REDUZIDA. Ata da Quarta Reunião ELEIÇÃO PARA OS ÓRGÃOS SOCIAIS DA ASSOCIAÇÃO DE ESTUDANTES DA FACULDADE DE CIÊNCIAS DA UNIVERSIDADE DO PORTO COMISSÃO ELEITORAL REDUZIDA Ata da Quarta Reunião Ao sexto dia do mês de novembro de dois mil

Leia mais

TURMA 10 H. CURSO PROFISSIONAL DE: Técnico de Multimédia RELAÇÃO DE ALUNOS

TURMA 10 H. CURSO PROFISSIONAL DE: Técnico de Multimédia RELAÇÃO DE ALUNOS Técnico de Multimédia 10 H 7536 Alberto Filipe Cardoso Pinto 7566 Ana Isabel Lomar Antunes 7567 Andreia Carine Ferreira Quintela 7537 Bruno Manuel Martins Castro 7538 Bruno Miguel Ferreira Bogas 5859 Bruno

Leia mais

CURSO: ANIMADOR SOCIOCULTURAL LISTA PROVISÓRIA DE ALUNOS SELECIONADOS

CURSO: ANIMADOR SOCIOCULTURAL LISTA PROVISÓRIA DE ALUNOS SELECIONADOS CURSO: ANIMADOR SOCIOCULTURAL Adriana da Conceição Palhares Lopes Alexandra Rodrigues Barbosa Ana Salomé Lopes Queirós Andreia Dias da Costa Bianca Patricia Gonçalves Ramos Carina Filipa Monteiro Rodrigues

Leia mais

ESCOLA E.B. 2,3 DE LAMAÇÃES 2013-2014

ESCOLA E.B. 2,3 DE LAMAÇÃES 2013-2014 5º1 1 ANA CATARINA R FREITAS SIM 2 BEATRIZ SOARES RIBEIRO SIM 3 DIOGO ANTÓNIO A PEREIRA SIM 4 MÁRCIO RAFAEL R SANTOS SIM 5 MARCO ANTÓNIO B OLIVEIRA SIM 6 NÁDIA ARAÚJO GONÇALVES SIM 7 SUNNY KATHARINA G

Leia mais

MFIG - TRABALHO Codigo Nome turma Nota Trabalho 110402106 Adriana Castro Valente 2 15,0 110402107 Alex da Silva Carvalho 3 14,9 70402122 Alexandre

MFIG - TRABALHO Codigo Nome turma Nota Trabalho 110402106 Adriana Castro Valente 2 15,0 110402107 Alex da Silva Carvalho 3 14,9 70402122 Alexandre MFIG - TRABALHO Codigo Nome turma Nota Trabalho 110402106 Adriana Castro Valente 2 15,0 110402107 Alex da Silva Carvalho 3 14,9 70402122 Alexandre Jorge Costelha Seabra 2 18,2 110402182 Ana Catarina Linhares

Leia mais

Lista de Contactos do Departamento de Engenharia Informática

Lista de Contactos do Departamento de Engenharia Informática Lista de Contactos do Departamento de Engenharia Informática Gabinete/Cargo Nome Extensão E-mail Diretor Luiz Felipe Rocha de Faria 1450 lef@isep.ipp.pt Sub-diretor(es) António Constantino Lopes 1462 acm@isep.ipp.pt

Leia mais

MESTRADOS E DOUTORAMENTOS - 2015

MESTRADOS E DOUTORAMENTOS - 2015 MESTRADOS E DOUTORAMENTOS - 2015 2ª FASE - ECT SUPLENTE EXCLUÍDO LISTA DE CANDIDATOS SERIAÇÃO CARLA MARIA CARNEIRO ALVES Doutoramento em Didática de Ciências e Tecnologias 3,9 de 5 4 CARLOS EDUARDO DOS

Leia mais

11º GRANDE PRÉMIO DE S.JOSÉ

11º GRANDE PRÉMIO DE S.JOSÉ 11º GRANDE PRÉMIO DE S.JOSÉ 1 FRANCISCO PEREIRA 36 SENIOR MASC. VITÓRIA S.C. 20.23 2 ANDRE SANTOS 48 SENIOR MASC. C.A.O.VIANENSE 20.27 3 JORGE CUNHA 3 SENIOR MASC. S.C.MARIA DA FONTE 21.14 4 DOMINGOS BARROS

Leia mais

LISTA DE CANDIDATOS ADMITIDOS E NÃO ADMITIDOS. Concurso Oferta de Escola para Contratação de Docente Grupo 110. Ano Letivo - 2014/2015

LISTA DE CANDIDATOS ADMITIDOS E NÃO ADMITIDOS. Concurso Oferta de Escola para Contratação de Docente Grupo 110. Ano Letivo - 2014/2015 LISTA DE CANDIDATOS ADMITIDOS E NÃO ADMITIDOS Concurso Oferta de Escola para Contratação de Docente Grupo 110 Ano Letivo - 2014/2015 CANDIDATOS ADMITIDOS: Nº Candidato NOME OSERVAÇÕES 1367130034 Alexandra

Leia mais

Especial Lucro dos Bancos

Especial Lucro dos Bancos Boletim Econômico Edição nº 90 novembro de 2014 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico Especial Lucro dos Bancos 1 Tabela dos Lucros em 2014 Ano Banco Período Lucro 2 0 1 4 Itaú Unibanco

Leia mais

Lista dos Aprovados - Ensino do Inglês

Lista dos Aprovados - Ensino do Inglês Lista dos Aprovados - Ensino do Inglês Nº de Oferta Ordem Pontuação Nome do Docente 2216 1 100 Cidália Maria Faria Mendes de Sousa 2216 2 100 Mariana Borges Dias Moreira 2216 3 100 Marta Raquel Cardoso

Leia mais

Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Resultados da 2ª Fase do Concurso Nacional de Acesso de 2011

Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Resultados da 2ª Fase do Concurso Nacional de Acesso de 2011 14320023 ALEXANDRE VAZ MARQUES VASCONCELOS Colocado em 1105 Universidade do Porto - Faculdade de Engenharia 9897 Ciências de Engenharia - Engenharia de Minas e Geoambiente 13840715 ANA CLÁUDIA DIAS MARTINS

Leia mais

SEQUÊNCIA LISTA NOMINAL DOS CANDIDATOS APROVADOS 1 MAURO ROBERTO P. DUARTE 2 PAULO RENATO PEDRONI DE ALMEIDA 3 ALEX LOPES LYRIO 4 MARCOS ANDRE MURTA

SEQUÊNCIA LISTA NOMINAL DOS CANDIDATOS APROVADOS 1 MAURO ROBERTO P. DUARTE 2 PAULO RENATO PEDRONI DE ALMEIDA 3 ALEX LOPES LYRIO 4 MARCOS ANDRE MURTA LISTA NOMINAL DOS CANDIDATOS APROVADOS 1 MAURO ROBERTO P. DUARTE 2 PAULO RENATO PEDRONI DE ALMEIDA 3 ALEX LOPES LYRIO 4 MARCOS ANDRE MURTA RIBEIRO 5 ALEXANDRE FERREIRA DE MENEZES 6 ADALBERTO GOMES DA SILVA

Leia mais

Ministério da Educação e Ciência Resultados da 1ª Fase do Concurso Nacional de Acesso de 2012

Ministério da Educação e Ciência Resultados da 1ª Fase do Concurso Nacional de Acesso de 2012 14472273 ANA CARLA MELO VALADÃO Colocada em 0911 14595437 ANA ISABEL TERRA SILVA Colocada em 3101 9084 14541457 ANA MARIA DE SOUSA MARTINS Colocada em 7220 8149 14314779 ANDRÉ ALVES HOMEM Colocado em 0130

Leia mais

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO COMANDO MILITAR DO PLANALTO 11a REGIÃO MILITAR (Cmdo Mil de Bsb/1960) REGIÃO TENENTE-CORONEL LUIZ CRULS

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO COMANDO MILITAR DO PLANALTO 11a REGIÃO MILITAR (Cmdo Mil de Bsb/1960) REGIÃO TENENTE-CORONEL LUIZ CRULS MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO COMANDO MILITAR DO PLANALTO 11a REGIÃO MILITAR (Cmdo Mil de Bsb/1960) REGIÃO TENENTE-CORONEL LUIZ CRULS DIVULGAÇÃO DO RESULTADO DOS RECURSOS DOS CANDIDATOS AO ESTÁGIO

Leia mais

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TIRO COM ARMAS DE CAÇA. FOSSO UNIVERSAL CAMPEONATO REGIONAL NORTE - 2007 2ª. CONTAGEM - 24 e 25 de Março

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TIRO COM ARMAS DE CAÇA. FOSSO UNIVERSAL CAMPEONATO REGIONAL NORTE - 2007 2ª. CONTAGEM - 24 e 25 de Março GERAL 1 1 129 00817 Herculano Lopes do Nascimento 8 C.C. Matosinhos S 25 24 25 25 1 99 2 113 00540 Rodrigo Dourado Fernandes 10 C.T. S. Pedro de Rates S 25 25 24 25 0 99 3 88 00588 Carlos Augusto Torres

Leia mais

Número do lote 103 - Edital JST Substituição 23/2014-05/12/2014 a 15/12/2014. Contribuinte

Número do lote 103 - Edital JST Substituição 23/2014-05/12/2014 a 15/12/2014. Contribuinte Justificativa Período Fiscal Inscrição Estadual 022234/2014 out/14 0389125-97 M. P. SUPERMERCADO Razão Social 022236/2014 out/14 0451997-36 CATAVENTO DERIVADOS DE PETROLEO ME 022248/2014 out/14 0415109-76

Leia mais

1 ÍNDICE AGRICULTURA FAMILIAR E SUSTENTABILIDADE - Tecnólogo - Pólo de Jales AGRICULTURA FAMILIAR E SUSTENTABILIDADE - Tecnólogo - Pólo de Palmas 03 05 2 406 EAD 10 AGRICULTURA FAMILIAR E SUSTENTABILIDADE

Leia mais

Técnicos Especializados

Técnicos Especializados Nome da Escola : Data final da candidatura : Disciplina Projeto: Agrupamento de Escolas Alexandre Herculano, Porto Nº Escola : 153000 2015-09-03 Nº Horário : 75 Escola de Referência para a Educação Bilingue

Leia mais

Taxas de juros das operações de crédito têm terceira elevação no ano, constata ANEFAC

Taxas de juros das operações de crédito têm terceira elevação no ano, constata ANEFAC Taxas de juros das operações de crédito têm terceira elevação no ano, constata ANEFAC Todas as linhas de crédito para pessoas jurídicas subiram. Para pessoas físicas, houve aumento nos juros do comércio,

Leia mais

Resultado dos Processos Seletivos do Sescoop-RJ 2010

Resultado dos Processos Seletivos do Sescoop-RJ 2010 Resultado dos Processos Seletivos do Sescoop-RJ 2010 1ª Etapa: Análise Curricular INSTRUÇÕES GERAIS PARA TODOS OS CANDIDATOS a) O candidato deverá chegar ao local com uma hora de antecedência do i nício

Leia mais

PETROBRAS Resultado Neutro no 4T09 e PN 2010-14

PETROBRAS Resultado Neutro no 4T09 e PN 2010-14 Analista PETROBRAS Resultado Neutro no 4T09 e PN 2010-14 A Petrobras divulgou na última sexta-feira seus resultados referentes ao 4T09 e ao fechamento de 2009 que mostraram um desempenho um pouco mais

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO ESCOLA DE CONTAS CONSELHEIRO OTACÍLIO SILVEIRA - ECOSIL D E C L A R A Ç Ã O

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO ESCOLA DE CONTAS CONSELHEIRO OTACÍLIO SILVEIRA - ECOSIL D E C L A R A Ç Ã O Declaramos, para os devidos fins, que ADEMARIO FÉLIX DE ARAÚJO FILHO, participou da palestra O FUTURO DO BRASIL, proferida por MAÍLSON FERREIRA DA NÓBREGA, por ocasião da Aula Magna de abertura do Mestrado

Leia mais

Escola Secundária de S. Pedro do Sul (AESPS)

Escola Secundária de S. Pedro do Sul (AESPS) Sala B5 KFS ALEXANDRE DE ALMEIDA SILVA ALEXANDRE HENRIQUE DA ROCHA OLIVEIRA ALEXANDRE MIGUEL DE ALMEIDA PEREIRA ALEXANDRE SILVA FIGUEIREDO ANA CATARINA GOMES MOREIRA ANA CATARINA MARQUES GOMES ANA MARGARIDA

Leia mais

Resultados da Candidatura a Alojamento

Resultados da Candidatura a Alojamento Resultados da Candidatura a Alojamento Unidade Orgânica: Serviços de Acção Social RESIDÊNCIA: 02 - ESE ANO LECTIVO: 2015/2016 2ª Fase - Resultados Definitivos >>> EDUCAÇÃO BÁSICA 14711 Ana Catarina Mendes

Leia mais

LISTA ORDENADA DOS CANDIDATOS DO CONCURSO PARA LECCIONAR A DISCIPLINA DE Inglês (1440) 6 Horas - Abelheira + NO 1º CICLO

LISTA ORDENADA DOS CANDIDATOS DO CONCURSO PARA LECCIONAR A DISCIPLINA DE Inglês (1440) 6 Horas - Abelheira + NO 1º CICLO A DISCIPLINA DE Inglês (1440) 6 Horas - Abelheira + NO 1º CICLO Elisabete Margarida Viana G. da Rocha 15,00 Deolinda Rosa Arantes Torres 15,00 Raquel Maria SantosB. Oliveira Silva 9,50 Eunice Calisto Soares

Leia mais

Escola sede: Escola Secundária de S. Pedro do Sul Alunos Matriculados - 2015/2016

Escola sede: Escola Secundária de S. Pedro do Sul Alunos Matriculados - 2015/2016 13948 5 A 2.º Ciclo do Ensino Básico Ana Gabriela Pedro Fernandes Escola Básica n.º 2 de São Pedro do Sul 13933 5 A 2.º Ciclo do Ensino Básico Ana Júlia Capela Pinto Escola Básica n.º 2 de São Pedro do

Leia mais

PROCESSO SELETIVO RESIDÊNCIA MÉDICA 2015 CLASSIFICAÇÃO GERAL POR CURSO

PROCESSO SELETIVO RESIDÊNCIA MÉDICA 2015 CLASSIFICAÇÃO GERAL POR CURSO Inscrição GILBRAN COSTA GUIMARÃES 003020851100087 662,64 Cirurgia Geral 1 * MARCELA SILVA VIEIRA 003027851100098 655,49 Cirurgia Geral 2 * GUTENBERG DINIZ BORBOREMA 003021851100096 619,4 Cirurgia Geral

Leia mais

Desenvolvimento e Mudanças na Gestão Pública

Desenvolvimento e Mudanças na Gestão Pública UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CEAD / UNIRIO PROGRAMA NACIONAL DE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA PNAP CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO PÚBLICA MUNICIPAL CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE ORGANIZAÇÃO

Leia mais

Análise Matemática I - Informática de Gestão Avaliação da 1ª frequência

Análise Matemática I - Informática de Gestão Avaliação da 1ª frequência Análise Matemática I - Informática de Gestão Avaliação da 1ª frequência Número Nome Nota Obs 10780 ALEXANDRE JOSÉ SIMÕES SILVA 15 11007 ALEXANDRE REIS MARTINS 7,7 11243 Álvaro Luis Cortez Fortunato 11,55

Leia mais

FAETEC - Técnico de Nível Médio - 2º Semestre. 2ª Reclassificação - Ano Letivo de 2013

FAETEC - Técnico de Nível Médio - 2º Semestre. 2ª Reclassificação - Ano Letivo de 2013 CVT Cidade de Deus Curso Técnico Subsequente ao Ensino Médio - Edificações (Noturno) 38 314010966 SAMUEL JOSÉ FAUSTINO JUNIOR Página 1 de 28 CVT Itaboraí Curso Técnico Subsequente ao Ensino Médio - Edificações

Leia mais

Terça-feira, 28 de Abril de 2015. DESTAQUES

Terça-feira, 28 de Abril de 2015. DESTAQUES DESTAQUES Petrobras é alvo de vendas e puxa correção da bolsa Hypermarcas prevê aumento de preços de produtos de consumo Lopes vende participação majoritária na Dall'Oca Tractebel vê tendência de crescimento

Leia mais

DESEMPENHO DOS BANCOS 1º SEMESTRE DE 2012

DESEMPENHO DOS BANCOS 1º SEMESTRE DE 2012 Set/2012 DESEMPENHO DOS BANCOS 1º SEMESTRE DE 2012 Provisionamento excessivo e fechamento de postos de trabalho são destaques nos balanços dos seis maiores bancos no 1º semestre de 2012 A s demonstrações

Leia mais

Agrupamento de Escolas Professor Agostinho da Silva Nº Escola: 171888 Nº Horário: 51

Agrupamento de Escolas Professor Agostinho da Silva Nº Escola: 171888 Nº Horário: 51 Nº Horário: 51 4625160693 Sofia Margarida Santos Ferreira Admitido 7197226139 Mónica Sofia Jesus Mateus Admitido 6392341730 Gonçalo Jorge Fernandes Rodrigues Fiúza Admitido 7816555741 Dora Maria Gonçalves

Leia mais

Local de Prova LICEU FRANCO BRASILEIRO, RUA DAS LARANJEIRAS, 13/15,, LARANJEIRAS, RIO DE JANEIRO - RJ / SALA: 18, PRÉDIO: B - ANDAR: TER

Local de Prova LICEU FRANCO BRASILEIRO, RUA DAS LARANJEIRAS, 13/15,, LARANJEIRAS, RIO DE JANEIRO - RJ / SALA: 18, PRÉDIO: B - ANDAR: TER LOCAIS DE PROVA - ENADE 2011 ARQUITETURA E URBANISMO ALINE ROCHA GONCALVES ANA CARLA GONZALEZ DE ARAUJO ANA CAROLINA SOUZA RODRIGUES DA SILVA ANITA LUIZA DE SOUSA SOARES CARLA DA SILVA SOUZA CARLOS JOSE

Leia mais

PESQUISA DE JUROS. As taxas de juros das operações de crédito apresentaram em agosto/2014 comportamentos distintos.

PESQUISA DE JUROS. As taxas de juros das operações de crédito apresentaram em agosto/2014 comportamentos distintos. PESQUISA DE JUROS As taxas de juros das operações de crédito apresentaram em agosto/2014 comportamentos distintos. Na pessoa física as taxas de juros tiveram uma pequena elevação sendo esta a décima quinta

Leia mais

151713 - Agrupamento de Escolas de Mosteiro e Cávado 346652 - Escola E.B.2,3 do Cávado. Relação de Alunos

151713 - Agrupamento de Escolas de Mosteiro e Cávado 346652 - Escola E.B.2,3 do Cávado. Relação de Alunos 3452 - Escola E.B.2,3 do Cávado : A 137 1 Adriana Manuela Gomes Pinheiro 14 S S 20 2 Alexandra Pereira Ferreira 28 3 Ângelo Rafael Araújo Gomes S 28 4 Beatriz da Costa Oliveira S 2 5 Domingos Gonçalo Ferreira

Leia mais

PAINEL 9,6% dez/07. out/07. ago/07 1.340 1.320 1.300 1.280 1.260 1.240 1.220 1.200. nov/06. fev/07. ago/06

PAINEL 9,6% dez/07. out/07. ago/07 1.340 1.320 1.300 1.280 1.260 1.240 1.220 1.200. nov/06. fev/07. ago/06 Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior ASSESSORIA ECONÔMICA PAINEL PRINCIPAIS INDICADORES DA ECONOMIA BRASILEIRA Número 35 15 a 30 de setembro de 2009 EMPREGO De acordo com a Pesquisa

Leia mais

II ENCONTRO INTER-ESCOLAS DE BRAGA DESPORTO ESCOLAR DE NATAÇÃO CLASSIFICAÇÕES

II ENCONTRO INTER-ESCOLAS DE BRAGA DESPORTO ESCOLAR DE NATAÇÃO CLASSIFICAÇÕES II ENCONTRO INTER-ESCOLAS DE BRAGA DESPORTO ESCOLAR DE NATAÇÃO CLASSIFICAÇÕES PROVA 25m Livres femininos Class Escola Nome Escalão Tempo Obs. EBS Vieira de Araújo Mariana Fonseca Infantis A 20:2 2 EBS

Leia mais

Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superio Resultados da 1ª Fase do Concurso Nacional de Acesso de 2011

Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superio Resultados da 1ª Fase do Concurso Nacional de Acesso de 2011 14286394 ALBANO LUIS ANDRADE PEREIRA Não colocado 14388714 ANA BEATRIZ MARTINS MACHADO Colocada em 3133 9104 14371141 ANA CATARINA MOREIRA LEAL Colocada em 7003 14319342 ANA CATARINA SOUSA RIBEIRO Colocada

Leia mais

Ministério da Educação e Ciência Resultados da 2ª Fase do Concurso Nacional de Acesso de 2013

Ministério da Educação e Ciência Resultados da 2ª Fase do Concurso Nacional de Acesso de 2013 14870896 ANA CATARINA DE JESUS RIBEIRO Não colocada 14583084 ANA CATARINA DA ROCHA DIAS Não colocada 14922639 ANA CATARINA SOARES COUTO Colocada em 7230 Instituto Politécnico do Porto - Escola Superior

Leia mais

Sexta-feira, 06 de Maio de 2013. DESTAQUES

Sexta-feira, 06 de Maio de 2013. DESTAQUES DESTAQUES Bolsa encerra semana em alta Mercado aguarda IPCA para ajustar cenários Divisão Consumo da Hypermarcas cresce 10% M.Dias Branco tem lucro de R$108 mi Contax aprovou R$ 55,4 milhões em dividendos

Leia mais

www.anefac.com.br Rua 7 de abril. 125 - conj. 405 - CEP 01043-000 República - São Paulo-SP - Telefone: 11 2808-320 PESQUISA DE JUROS

www.anefac.com.br Rua 7 de abril. 125 - conj. 405 - CEP 01043-000 República - São Paulo-SP - Telefone: 11 2808-320 PESQUISA DE JUROS PESQUISA DE JUROS As taxas de juros das operações de crédito voltaram a ser elevadas em maio/2014, sendo esta a décima segunda elevação seguida, quinta elevação no ano. Estas elevações podem ser atribuídas

Leia mais

------- Maria Conceição Leite Cabral --------------------------------------------------------------------------------------- ------- Maria José

------- Maria Conceição Leite Cabral --------------------------------------------------------------------------------------- ------- Maria José ATA Nº 6 ------- Aos cinco dias do mês de novembro do ano de dois mil e treze, nesta cidade de Matosinhos e Edifício dos Paços do Concelho, encontram-se reunidos: Dr.ª Clarisse Castro, Diretora do Departamento

Leia mais

LISTA DE ORDENAÇÃO ENSINO INGLÊS ANO LETIVO 2012-2013

LISTA DE ORDENAÇÃO ENSINO INGLÊS ANO LETIVO 2012-2013 LISTA DE ORDENAÇÃO ENSINO INGLÊS ANO LETIVO 2012-2013 OFERTA 2737 433133 2737 435006 2737 433645 2737 431145 2737 411431 2737 447993 2737 432457 2737 412330 2737 415973 2737 427952 2737 417413 2737 417268

Leia mais

O cenário econômico atual e a Construção Civil Desafios e perspectivas

O cenário econômico atual e a Construção Civil Desafios e perspectivas O cenário econômico atual e a Construção Civil Desafios e perspectivas 1 O conturbado cenário nacional Economia em recessão: queda quase generalizada do PIB no 2º trimestre de 2015, com expectativa de

Leia mais

I ATOS E PORTARIAS DA DIREÇÃO DO FORO 1. Portarias

I ATOS E PORTARIAS DA DIREÇÃO DO FORO 1. Portarias PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE 1º GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DA BAHIA Boletim Interno Informativo Nº 186/2005 Salvador, 20 de outubro de 2005 (Quinta-feira). TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 1ª REGIÃO Presidente:

Leia mais

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO COMANDO MILITAR DO PLANALTO 11a REGIÃO MILITAR (Cmdo Mil de Bsb/1960) REGIÃO TENENTE-CORONEL LUIZ CRULS

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO COMANDO MILITAR DO PLANALTO 11a REGIÃO MILITAR (Cmdo Mil de Bsb/1960) REGIÃO TENENTE-CORONEL LUIZ CRULS MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO COMANDO MILITAR DO PLANALTO 11a REGIÃO MILITAR (Cmdo Mil de Bsb/1960) REGIÃO TENENTE-CORONEL LUIZ CRULS DIVULGAÇÃO DE RESULTADO DA INSPEÇÃO DE SAÚDE (IS) REALIZADA

Leia mais

Fundação de Economia e Estatística Centro de Informações Estatísticas Núcleo de Contabilidade Social

Fundação de Economia e Estatística Centro de Informações Estatísticas Núcleo de Contabilidade Social Fundação de Economia e Estatística Centro de Informações Estatísticas Núcleo de Contabilidade Social COMENTÁRIOS ACERCA DOS NÚMEROS FINAIS DO PIB DO RS E DAS DEMAIS UNIDADES DA FEDERAÇÃO EM 2010 Equipe

Leia mais

Listagem de contactos e ramos/áreas de especialidade dos Professores Doutorados na Escola de Direito da Universidade do Minho

Listagem de contactos e ramos/áreas de especialidade dos Professores Doutorados na Escola de Direito da Universidade do Minho Departamento de Ciências Jurídicas Gerais Profª. Doutora Maria Clara da Cunha Calheiros de Carvalho Profª. Associada, Com Agregação Email: claracc@direito.uminho.pt Profª. Doutora Patrícia Penélope Mendes

Leia mais

Terça-feira, 25 de Agosto de 2015. DESTAQUES

Terça-feira, 25 de Agosto de 2015. DESTAQUES DESTAQUES Bovespa cai ao nível de 2009 com tensão global CCR tem expectativa positiva de crescimento para o próximo ano Ações PNA da Vale fecham na menor cotação desde 2006 Corte de produção na China e

Leia mais

FAETEC 2014.1 - Edital de Vagas Remanescentes. 2a Reclassificação

FAETEC 2014.1 - Edital de Vagas Remanescentes. 2a Reclassificação Seleção: Ensino Técnico de Nível Médio na forma articulada: integrada Unidade Escolar: ETE Adolpho Bloch Curso: Hospedagem Turno: Diurno 15 16 17 18 19 20 21 39430 40423 40708 42151 42191 42949 43655 2522302

Leia mais

SERVIDORES EM ESTÁGIO PROBATÓRIO

SERVIDORES EM ESTÁGIO PROBATÓRIO SERVIDORES EM ESTÁGIO PROBATÓRIO A Assessoria de Gestão da Secretaria de Recursos Humanos torna pública a listagem dos servidores em Estágio Probatório e o período em que os mesmos deverão ser avaliados,

Leia mais

Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas

Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas BRASIL Agosto 2013 Profa. Anita Kon PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PROGRAMA DE ESTUDOS PÓS GRADUADOS

Leia mais

PROCESSO DE SELEÇÃO SIMPLIFICADA PARA CADASTRO DE RESERVA TÉCNICA BOLSITAS PRONATEC RESULTADO FINAL

PROCESSO DE SELEÇÃO SIMPLIFICADA PARA CADASTRO DE RESERVA TÉCNICA BOLSITAS PRONATEC RESULTADO FINAL PROCESSO DE SELEÇÃO SIMPLIFICADA PARA CADASTRO DE RESERVA TÉCNICA BOLSITAS PRONATEC RESULTADO FINAL O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás IFG, por meio da Pró - Reitoria de Extensão

Leia mais

IMA Institute of Management Accountants PESQUISA DE JUROS

IMA Institute of Management Accountants PESQUISA DE JUROS PESQUISA DE JUROS As taxas de juros das operações de crédito voltaram a ser elevadas em outubro/2013, sendo esta a sexta elevação no ano. Esta elevação pode ser atribuída à última elevação da Taxa de Juros

Leia mais

aelousada.net AE Lousada Ministério da Educação e Ciência Resultados da 2ª Fase do Concurso Nacional de Acesso de 2014

aelousada.net AE Lousada Ministério da Educação e Ciência Resultados da 2ª Fase do Concurso Nacional de Acesso de 2014 ALBERTINO CLÁUDIO DE BESSA VIEIRA Colocado em 3138 Instituto Politécnico do Porto - Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Felgueiras ALBERTO RAFAEL SILVA PEIXOTO Colocado em 3064 Instituto Politécnico

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO ESCOLA DE CONTAS CONSELHEIRO OTACÍLIO SILVEIRA - ECOSIL D E C L A R A Ç Ã O

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO ESCOLA DE CONTAS CONSELHEIRO OTACÍLIO SILVEIRA - ECOSIL D E C L A R A Ç Ã O Declaramos, para os devidos fins, que PAULO ROBERTO DINIZ DE OLIVEIRA, participou no dia 10 de março de 2015, no horário das 10h00 às 12h00, do treinamento sobre o Envio das Prestações de Contas do Exercício

Leia mais

Resultado Final - Turma Gestão em TI

Resultado Final - Turma Gestão em TI Resultado Final - Turma Gestão em TI Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais Resultado Etapa 1 Resultado Etapa 2 Resultado Final Alexandre Antunes Barcelos 7,080 5,118 6,295 Centro Federal

Leia mais

ASSOC DOS S. DA P. M. DE COLOMBO FL. 1 PG. 1

ASSOC DOS S. DA P. M. DE COLOMBO FL. 1 PG. 1 ASSOC DOS S. DA P. M. DE COLOMBO FL. 1 PG. 1 ATIVO 455.828,06 635.374,77 652.076,48 A - CIRCULANTE 300.139,78 635.195,77 652.076,48 1-1000000 DISPONIVEL 290.974,52 634.095,77 650.353,98 2-1000000 1 CAIXA

Leia mais

Autor Área Científica 1 Área Científica 2 Ordem Dia Hora Área Autor Área Científica 1 Área Científica 2 Ordem Dia Hora Área

Autor Área Científica 1 Área Científica 2 Ordem Dia Hora Área Autor Área Científica 1 Área Científica 2 Ordem Dia Hora Área Autor Área Científica 1 Área Científica 2 Ordem Dia Hora Área Carina Coelho Cariologia/Med. dentária Preventiva Dentisteria Operatória 1 11 15h00-16h00 Investigação Isabel Roçadas Pires Cariologia/Med.

Leia mais

PRÉ-SELECIONADOS PROUNI - 1.2016 1ª CHAMADA - SEDE

PRÉ-SELECIONADOS PROUNI - 1.2016 1ª CHAMADA - SEDE PRÉ-SELECIONADOS PROUNI - 1.2016 1ª CHAMADA - SEDE ALENE DE SOUZA NASCIMENTO CHARLISON NERIS MAIA ERICK RIBAS DUTRA TORREZAN ESDRAS DE SOUZA MATOS LEONARDO DA SILVA ROCHA LUIS FELIPE TAVARES GENTIL STEFANE

Leia mais

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO PROCESSO SELETIVO 2015 PROVA ESCRITA DE CONHECIMENTO JURÍDICO DOUTORADO

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO PROCESSO SELETIVO 2015 PROVA ESCRITA DE CONHECIMENTO JURÍDICO DOUTORADO BANCA: D-01D LINHA DE PESQUISA: DIREITOS HUMANOS E ESTADO DEMOCRÁTICO DE DIREITO: FUNDAMENTAÇÃO, PARTICIPAÇÃO E EFETIVIDADE ÁREA DE ESTUDO: DIREITO POLÍTICO SALA: 501 Carlos Athayde Valadares Viegas Ricardo

Leia mais

31º Curso Normal de Magistrados para os Tribunais Judiciais

31º Curso Normal de Magistrados para os Tribunais Judiciais A 796 Neuza Soraia Rodrigues Carvalhas Direito e Processual 729 Maria Teresa Barros Ferreira Direito e Processual 938 Rute Isabel Bexiga Ramos Direito e Processual 440 Inês Lopes Raimundo Direito e Processual

Leia mais

PANORAMA EUA VOL. 3, Nº 5, JUNHO DE 2013

PANORAMA EUA VOL. 3, Nº 5, JUNHO DE 2013 PANORAMA EUA VOL. 3, Nº 5, JUNHO DE 2013 PANORAMA EUA OBSERVATÓRIO POLÍTICO DOS ESTADOS UNIDOS INSTITUTO NACIONAL DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA PARA ESTUDOS SOBRE OS ESTADOS UNIDOS INCT-INEU ISSN 2317-7977 VOL.

Leia mais

Escola sede: Escola Secundária de S. Pedro do Sul Alunos Matriculados - 2015/2016

Escola sede: Escola Secundária de S. Pedro do Sul Alunos Matriculados - 2015/2016 13008 10 E Técnico de Instalações Elétricas Carlos Jorge Oliveira Rodrigues Escola Secundária de São Pedro do Sul 13791 10 E Técnico de Instalações Elétricas Daniel dos Santos Rodrigues Escola Secundária

Leia mais

PROCESSO SELETIVO Nº 206/2015

PROCESSO SELETIVO Nº 206/2015 PROCESSO SELETIVO Nº 206/2015 O Sesc em Minas comunica a relação nominal com as notas da prova ocorrida entre os dias 07/06/2015 à 14/06/2015 Considerando o que está previsto no subitem 5.1.3.1 do Descritivo

Leia mais

Atendimento no sábado 06/11/2010. Grupo I 8h00 às 10h30. Local: Campus Samambaia. José Osvaldino da Silva Francisco Santos Sousa João Batista Quirino

Atendimento no sábado 06/11/2010. Grupo I 8h00 às 10h30. Local: Campus Samambaia. José Osvaldino da Silva Francisco Santos Sousa João Batista Quirino Atendimento no sábado 06/11/2010 Grupo I 8h00 às 10h30 NOME José Osvaldino da Silva Francisco Santos Sousa João Batista Quirino Edmilson de Araujo Cavalcante Alexandre Brito dos Santos Vacirlene Moura

Leia mais

NOVO EDITAL - ALUNOS ERASMUS 2011/2012

NOVO EDITAL - ALUNOS ERASMUS 2011/2012 NOVO EDITAL - ALUNOS ERASMUS 2011/2012 UNIVERSITAT DE VALÈNCIA (E VALENCI 01) Odontology Sara Marilyn Pereira de Jesus 4º João Ricardo Oliveira Ferreira de Moura - 4º Psychology Sara Lúcia Maia Murillo

Leia mais

Quarta-feira, 21 de Agosto de 2013. DESTAQUES

Quarta-feira, 21 de Agosto de 2013. DESTAQUES DESTAQUES Bolsa interrompe série de altas Dólar cai após seis altas com ação do BC Tesouro dá liquidez aos títulos Latam registra prejuízo líquido no 2º tri Itaú renova acordo com Fiat Faturamento da Minerva

Leia mais

EDITAL Nº 01/2015 RESULTADO FASE ELIMINATÓRIA - ENTREVISTA CURSO ÁREA NOMES NOTA DA

EDITAL Nº 01/2015 RESULTADO FASE ELIMINATÓRIA - ENTREVISTA CURSO ÁREA NOMES NOTA DA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE ESCOLA DE ENFERMAGEM DE NATAL PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO EDITAL Nº 01/2015 RESULTADO FASE ELIMINATÓRIA -

Leia mais

Atividades de Enriquecimento Curricular Ensino do Inglês. Candidatos Excluídos Oferta 923

Atividades de Enriquecimento Curricular Ensino do Inglês. Candidatos Excluídos Oferta 923 Atividades de Enriquecimento Curricular Ensino do Inglês Candidatos Excluídos Oferta 923 Motivo de Exclusão candidatos excluídos pela plataforma da DGRHE por não apresentaram dados válidos no preenchimento

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE LAURO DE FREITAS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE CONCURSO PÚBLICO EDITAL N 002/2007-CONVOCAÇÃO 1ª CONVOCAÇÃO

PREFEITURA MUNICIPAL DE LAURO DE FREITAS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE CONCURSO PÚBLICO EDITAL N 002/2007-CONVOCAÇÃO 1ª CONVOCAÇÃO PREFEITURA MUNICIPAL DE LAURO DE FREITAS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE CONCURSO PÚBLICO EDITAL N 002/2007-CONVOCAÇÃO 1ª CONVOCAÇÃO A PREFEITA DO MUNÍCIPIO DE LAURO DE FREITAS, Estado da Bahia, no uso de

Leia mais

ANEFAC IMA Institute of Management Accountants 1

ANEFAC IMA Institute of Management Accountants 1 ANEFAC IMA Institute of Management Accountants 1 PESQUISA DE JUROS As taxas de juros das operações de crédito voltaram a ser elevadas em janeiro/2015. Estas elevações podem ser atribuídas aos seguintes

Leia mais

Introdução. PIB varia 0,4% em relação ao 1º trimestre e chega a R$ 1,10 trilhão

Introdução. PIB varia 0,4% em relação ao 1º trimestre e chega a R$ 1,10 trilhão 16 a 31 de agosto de 2012 As principais informações da economia mundial, brasileira e baiana Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia Diretoria de Indicadores e Estatísticas Coordenação

Leia mais

E1 - Recuperação de Ativos (com avaliação)

E1 - Recuperação de Ativos (com avaliação) E1 - Recuperação de Ativos (com avaliação) 99203 NÉLIA VILARES VALENTE PR - 3 563 223 JOÃO MANUEL DE VASCONCELOS MACHADO TEIXEIRA ALVES JOSÉ MANUEL GONÇALVES OLIVEIRA FONSECA PA - 49 262 867 694 577 622

Leia mais

Inscrição Nome Opção de Curso Status. 000000005133 RAQUEL REZENDE DANTAS EDUCACAO FISICA Aprovado

Inscrição Nome Opção de Curso Status. 000000005133 RAQUEL REZENDE DANTAS EDUCACAO FISICA Aprovado Processo Seletivo 2016/1 000000005133 RAQUEL REZENDE DANTAS EDUCACAO FISICA Aprovado 000000004960 VALERIA DIAS MIRANDA EDUCACAO FISICA Aprovado 000000005764 BRUNNO DE PAULA SILVA BARBOSA EDUCACAO FISICA

Leia mais

LISTA ORDENADA POR GRADUAÇÃO PROFISSIONAL - DGAE

LISTA ORDENADA POR GRADUAÇÃO PROFISSIONAL - DGAE Nome da Escola : Agrupamento de Escolas de Almancil, Loulé Horário n.º: 27-18 horas 2013-10-09 Grupo de Recrutamento: 420 - Geografia LISTA ORDENADA POR GRADUAÇÃO PROFISSIONAL - DGAE Ordenação Graduação

Leia mais

LISTA DE SORTEADOS PARA AS VAGAS DE 2015 1º ANO MANHÃ

LISTA DE SORTEADOS PARA AS VAGAS DE 2015 1º ANO MANHÃ 1º ANO MANHÃ 1. WALLACE VINÍCIUS DE BRITO PATROCÍNIO Comerciário 2. SAMUELL BRAULIO MOREIRA SANTOS Comerciário 3. JOANA MARTINS BRAGA RIVERTE Comerciário 4. SAMUEL ALVES COELHO MENEZES Comerciário 5. EMANUELLE

Leia mais

Adriane Cristina de Jesus

Adriane Cristina de Jesus Adriane Cristina de Jesus Alexandre Coelho Rodrigues Gomes Alexandre Montenegro Nascimento Vilarinhos Ana Carolina Nogueira Ana Carolina Rodrigues Oliveira Ana Luiza de Paiva Silva Ana Luiza dos Anjos

Leia mais

ANEFAC IMA Institute of Management Accountants 1

ANEFAC IMA Institute of Management Accountants 1 ANEFAC IMA Institute of Management Accountants 1 PESQUISA DE JUROS As taxas de juros das operações de crédito voltaram a ser elevadas em setembro/2013, sendo esta a quinta elevação no ano. Esta elevação

Leia mais

Listas dos Aprovados - Ensino de Inglês

Listas dos Aprovados - Ensino de Inglês Listas dos Aprovados - Ensino de Inglês Nº de Oferta Ordem Pontuação Nome do Docente 758 1 100 Andreia Cristina de Sousa Gomes 758 2 100 Cidália Maria Faria Mendes de Sousa 758 3 100 Marta Raquel Cardoso

Leia mais

ALCATEIA ACAGRUP 2014 - SIERRA NORTE - MADRID - ESPANHA PARTICIPANTES: 26 60% INCIDÊNCIA NO GRUPO 20%

ALCATEIA ACAGRUP 2014 - SIERRA NORTE - MADRID - ESPANHA PARTICIPANTES: 26 60% INCIDÊNCIA NO GRUPO 20% ALCATEIA Sec NIN NOME NIN NOME Lob 1215050143005 Alice Neto Santos Nascimento 1215050143015 Afonso da Fonseca Machado Lob 1215050143010 Amélia Maria Mesquita Aleixo Alves 1115050143010 Afonso Jesus Dias

Leia mais

Lista de candidatos aprovados na Triagem Processo Seletivo 001/15 Almenara. Cargo: 001/15 Ensino Médio. Araxá

Lista de candidatos aprovados na Triagem Processo Seletivo 001/15 Almenara. Cargo: 001/15 Ensino Médio. Araxá Lista de candidatos aprovados na Triagem Processo Seletivo 001/15 Almenara GILBERTO CARDOSO OTONI 45,0 Aprovado (a) ROMULO BATISTA RODRIGUES - Ausente Araxá JANAÍNA MARIA LEMOS - Ausente JANAÍNA MARIA

Leia mais

Planilha Mensal de Ajuda de Custo (Res. 03/2011) Período de junho/2015

Planilha Mensal de Ajuda de Custo (Res. 03/2011) Período de junho/2015 Crédito no dia 30/07/15 Planilha Mensal de Ajuda de Custo (Res. 03/2011) Período de junho/2015 NOME Nº DE PROCESSO ALEXANDRE DA FONSECA MORETH 0012546-17.2012.8.19.0211 ALEXANDRE DA FONSECA MORETH 0007033-68.2012.8.19.0211

Leia mais

CONTRATAÇÃO DE UM DOCENTE DO GRUPO DE RECRUTAMENTO 100

CONTRATAÇÃO DE UM DOCENTE DO GRUPO DE RECRUTAMENTO 100 CONTRATAÇÃO DE UM DOCENTE DO GRUPO DE RECRUTAMENTO 100 HORÁRIO 1 No âmbito do procedimento concursal lançado pelo Agrupamento de Escolas de Paço de Sousa para a contratação, no regime de contrato de trabalho

Leia mais

PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRAS PARA O DIA DOS NAMORADOS Junho de 2015 IMPERATRIZ

PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRAS PARA O DIA DOS NAMORADOS Junho de 2015 IMPERATRIZ PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRAS C PARA O DIA DOS NAMORADOS ADOS Junho de 2015 IMPERATRIZ ANÁLISE DO LEVANTAMENTO DE INTENÇÃO DE CONSUMO PARA O DIA DOS NAMORADOS 2015 EM IMPERATRIZ-MA A Pesquisa de Intenção

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE SANTA CRUZ UESC SECRETARIA GERAL DE CURSOS

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE SANTA CRUZ UESC SECRETARIA GERAL DE CURSOS UNIVERSIDADE ESTADUAL DE SANTA CRUZ UESC SECRETARIA GERAL DE CURSOS RESULTADO DAS SOLICITAÇÕES DE RETORNO AOS CURSOS DE GRADUAÇÃO PARA O 1º PERÍODO LETIVO DE 2016. BASE LEGAL: ARTIGO 103 DO REGIMENTO GERAL

Leia mais

CENTRO INTEGRADO DE SAÚDE

CENTRO INTEGRADO DE SAÚDE 15 DIAS: 17/07/2015 A 31/07/2015 ENGENHARIA CIVIL MARCELO MARTINS AZEVEDO LABORATÓRIO DE INFORMÁTICA EVALDO MORAES DO NASCIMENTO ARQUITETURA E URBANISMO DESIGNER DE INTERIORES MATKIARA FRANCY DE CARVALHO

Leia mais

ABRÃO TAVARES DA SILVA JÚNIOR ADRIANA PINHEIRO QUARESMA ADRIANO SANTOS DE MESQUITA ALESSANDRA OLIVEIRA DOS SANTOS ALINE COSTA DA SILVA

ABRÃO TAVARES DA SILVA JÚNIOR ADRIANA PINHEIRO QUARESMA ADRIANO SANTOS DE MESQUITA ALESSANDRA OLIVEIRA DOS SANTOS ALINE COSTA DA SILVA PROCESSO SELETIVO 2016 EDITAL Nº 01/2015 PPGDOC/IEMCI/UFPA RESULTADO DA HOMOLOGAÇÃO DAS INSCRIÇÕES (Incluindo análise de recursos e novas inscrições recebidas via correios conforme previsto no edital)

Leia mais

##ATO EDITAL DE HOMOLOGAÇÃO RESULTADO FINAL CONCURSO NCP 001/2010 PROVA PRÁTICA REPUBLICAÇÃO

##ATO EDITAL DE HOMOLOGAÇÃO RESULTADO FINAL CONCURSO NCP 001/2010 PROVA PRÁTICA REPUBLICAÇÃO ##ATO EDITAL DE HOMOLOGAÇÃO RESULTADO FINAL CONCURSO NCP 001/2010 PROVA PRÁTICA REPUBLICAÇÃO ##TEX Nos termos do Subitem 5.3. Provas Práticas do Item 5. PROCESSO SELETIVO e da segunda parte do subitem

Leia mais

DIA DOS PAIS 2015 SERÁ DE COMPRAS À VISTA E PRESENTES COM VALOR MÉDIO DE R$ 100

DIA DOS PAIS 2015 SERÁ DE COMPRAS À VISTA E PRESENTES COM VALOR MÉDIO DE R$ 100 VEÍCULO: TRIBUNA DO NORTE DATA: 24.07.15 EDITORIA: ECONOMIA VEÍCULO: BLOG COMUNICAR DATA: 22.07.15 EDITORIA: ECONOMIA DIA DOS PAIS 2015 SERÁ DE COMPRAS À VISTA E PRESENTES COM VALOR MÉDIO DE R$ 100 22

Leia mais

C&M CENÁRIOS 8/2013 CENÁRIOS PARA A ECONOMIA INTERNACIONAL E BRASILEIRA

C&M CENÁRIOS 8/2013 CENÁRIOS PARA A ECONOMIA INTERNACIONAL E BRASILEIRA C&M CENÁRIOS 8/2013 CENÁRIOS PARA A ECONOMIA INTERNACIONAL E BRASILEIRA HENRIQUE MARINHO MAIO DE 2013 Economia Internacional Atividade Econômica A divulgação dos resultados do crescimento econômico dos

Leia mais

APROVADOS PROCESSO SELETIVO FACULDADE ASA INICIO DAS AULAS EM FEVEREIRO 2015. ÓRDEM ALFABÉTICA.

APROVADOS PROCESSO SELETIVO FACULDADE ASA INICIO DAS AULAS EM FEVEREIRO 2015. ÓRDEM ALFABÉTICA. APROVADOS PROCESSO SELETIVO FACULDADE ASA INICIO DAS AULAS EM FEVEREIRO 2015. ÓRDEM ALFABÉTICA. Adamastor Jose Feliciano Neto Adriano Mendes dos Santos Alex Rodrigues Carneiro Aline Pereira Marciel Aline

Leia mais

Concurso Público para preenchimento de vagas no cargo de Defensor Público de 3ª Categoria do Estado de Goiás EDITAL Nº 001/2014

Concurso Público para preenchimento de vagas no cargo de Defensor Público de 3ª Categoria do Estado de Goiás EDITAL Nº 001/2014 UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO CENTRO DE SELEÇÃO Concurso Público para preenchimento de vagas no cargo de Defensor Público de 3ª Categoria do Estado de Goiás EDITAL Nº 001/2014

Leia mais