Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download ""

Transcrição

1 ENSAIOS NÃO DESTRUTIVOS - END Ensaios realizados em materiais, acabados ou semi acabados, para verificar a existência ou não de descontinuidades ou defeitos, através de princípios físicos definidos, sem alterar suas características físicas, químicas, mecânicas ou dimensionais e sem interferir em seu uso posterior. Ferramenta do controle da qualidade de materiais e produtos Garantir a qualidade Reduzir os custos Aumentar a confiabilidade da inspeção Segurança de processos. Utilização fabricação, construção, montagem, inspeção em serviço e manutenção, sendo largamente aplicados em soldas, fundidos, forjados, laminados, plásticos, concreto, entre outros, nos setores petróleo/petroquímico, nuclear, aeroespacial, siderúrgico, ferroviário, naval, eletromecânico e automotivo.

2 ENSAIOS NÃO DESTRUTIVOS - END São baseados em normas internacionais (americanas) ASMI conjunto de 40 normas uma para cada equipamento API normas para tanques Principal uso manutenção preventiva NR-13

3 CORRENTES PARASITAS alta precisão Campo magnético gerado por uma sonda ou bobina alimentada por corrente alternada Detecta descontinuidade do material (trincas, etc.) Detecta mudança nas características físico-química ou da estrutura do material (composição química, granulação, dureza, etc.) Principais aplicações: Siderurgia (tubos, barras e arames) Auto-peças (parafusos, eixos, comandos, etc.)

4 EMISSÃO ACÚSTICA Detecção de ondas acústicas emitidas por um material em função de uma força ou deformação aplicada nele. Caso o material tenha alguma trinca, descontinuidade ou defeito, a propagação irá Provocar ondas acústicas detectadas pelo sistema. É necessário o enchimento do equipamento com água ou nitrogênio (sob pressão) Pressão escalonada, ex. 1ªfase até 5kg, 2ªfase de 5 a 8kg e assim por diante. Depende da pressão que o equipamento trabalha. Mostra a descontinuidade numa determinada pressão. Equipamentos de maior porte Cilindros contendo gás sob pressão

5 RADIOGRAFIA, RADIOSCOPIA E GAMAGRAFIA A radiografia foi o primeiro método de ensaio não destrutivo na indústria Radiografia: filme radiográfico com gerador de Raio-X. Gamagrafia: mesma técnica, porém, a fonte de geração de radiação chamado de isótopo radioativo (Írídio, Cobalto ou Selênio) Radioscopia: a peça é manipulada a distância dentro de uma cabine a prova de radiação, proporcionando uma imagem instantânea de toda a peça em movimento Soldas de chapas para tanques, navios, oleodutos, etc. Peças fundidas (indústria automobilística). Engenharia aeroespacial Etc. EMPRESAS CONTROLADAS PELO CNEN

6 ENSAIO VISUAL É o primeiro ensaio não destrutivo aplicado em qualquer tipo de peça ou componente Utiliza alta tecnologia - fibras óticas conectadas a espelhos ou microcâmeras de TV - sistemas de iluminação São testes simples e baixo custo operacional. Peças ou componentes que não permitem acesso direto interno para inspeção (blocos de motores, turbinas, bombas, tubulações, etc.)

7 ESTANQUEIDADE Os métodos aplicados são: medir pressão ou vácuo com alta precisão, detecção de Vazamento por meio de gás Hélio ou fluído, com aparelho detector. Área industrial (tanques e recipientes) Área doméstica (botijões de gás) Setor público (transportes rodoviário, ferroviário e tubulações)

8 LÍQUIDO PENETRANTE Utilizado para detecção de descontinuidades superficiais (trincas, poros, fissuras) É aplicado com pincel, pistola ou lata de aerosol ou imersão; Efetua-se a remoção do líquido penetrante da superfície por meio de lavagem com Água ou solvente. Em seguida aplica-se o revelador (talco) que mostrará as descontinuidades. Processos de têmpera; Usinagem (trincas); verificação de descontinuidades superficiais

9 PARTÍCULAS MAGNÉTICAS Utilizado para detecção de descontinuidades superficiais ou sub superficiais em materiais ferromagnéticas (trincas, etc.) O princípio é a geração de um campo magnético que percorre toda a superfície do material. Pode via úmida (preparado com pó de ferro magnético) ou seca (pó com partículas ferromagnéticas). Aplica-se um preparado e em seguida o equipamento em forma de U. Descontinuidade detectada visualmente. peças fundidas, forjadas, laminadas, soldas, peças que sofreram usinagem, tratamento térmico, etc.

10 ULTRA-SOM Reflexão de ondas acústicas quando encontram obstáculos à sua propagação, Dentro do material. É gerado um pulso ultrasônico transmitido através de um transdutor especial, Encostado ou acoplado ao material. O resultado é mostrado em um monitor de LCD. Ultra-som são ondas acústicas com frequências acima do limite audível (0,5 a 25 Mhz). Medir espessuras e determinar corrosão Soldas, laminados, forjados, fundidos vidro, borracha hospitais (imagem de feto)

11 TERMOGRAFIA Utiliza raios infravermelhos, para medir temperaturas ou observar padrões diferenciais de distribuição de temperatura. Realiza medições sem contato físico (segurança) Verificar equipamentos em pleno funcionamento (sem interferência na produção) Inspecionar grandes superfícies em pouco tempo (alto rendimento). Manutenção preditiva em sistemas elétricos de empresas geradoras, distribuidoras e transmissoras de energia elétrica. monitoramento de sistemas mecânicos como rolamentos e mancais vazamento de vapor em plantas industriais equipamentos que não permitem proximidade

12 ANÁLISE DE VIBRAÇÕES Um sensor é acoplado ao mancal ou chassis da máquina ou componente em questão. Este sensor, através de um aparelho, indica a quantidade de vibração detectada. Verifica falta de balanceamento das partes rotativas, desalinhamento de juntas e rolamentos, erosão localizada, abrasão, folgas, etc. Máquinas rotativas (ventiladores, compressores, bombas, turbinas, etc.) Usinagem mecânica Engenharia civil estudo do comportamento das estruturas sujeitas a carregamento provocados por um tráfego de alta velocidade

MANUTENÇÃO PREDITIVA 13.12.11

MANUTENÇÃO PREDITIVA 13.12.11 1 MANUTENÇÃO PREDITIVA conceito 2 É aquela que indica as condições reais de funcionamento das máquinas com base em dados que informam o seu desgaste ou processo de degradação. objetivos 3 determinar, antecipadamente,

Leia mais

materiais ou produtos,sem prejudicar a posterior utilização destes, contribuindo para o incremento da

materiais ou produtos,sem prejudicar a posterior utilização destes, contribuindo para o incremento da Definição De acordo com a Associação Brasileira de Ensaios Não Destrutivos, ABENDE, os Ensaios Não Destrutivos (END) são definidos como: Técnicas utilizadas no controle da qualidade, d de materiais ou

Leia mais

Ensaios Não Destrutivos

Ensaios Não Destrutivos Ensaios Não Destrutivos DEFINIÇÃO: Realizados sobre peças semi-acabadas ou acabadas, não prejudicam nem interferem a futura utilização das mesmas (no todo ou em parte). Em outras palavras, seriam aqueles

Leia mais

E. A - 3 - SNQC / END Nº

E. A - 3 - SNQC / END Nº Nestor Carlos de Moura Formação: Técnico Projetista Mecânico Engenheiro Mecânico Programa de Mestrado em engenharia de Materiais focado em Ensaios Não Destrutivos Experiência Profissional: E. A - Nível

Leia mais

EMENTA PROGRAMA DETALHADO. O que são Técnicas de Inspeção e Controle de Qualidade?

EMENTA PROGRAMA DETALHADO. O que são Técnicas de Inspeção e Controle de Qualidade? CURSO: ENGENHEIRO DE CAMPO - CONSTRUÇÃO E MONTAGEM DISCIPLINA: TÉCNICAS DE INSPEÇÃO E CONTROLE DA QUALIDADE CARGA HORÁRIA TOTAL: 30 horas TEÓRICAS: 22 PRÁTICAS: _08 EMENTA Introdução. O que são as técnicas

Leia mais

Lista de cargos e funções disponíveis no Consórcio Ipojuca

Lista de cargos e funções disponíveis no Consórcio Ipojuca Lista de cargos e funções disponíveis no Consórcio Ipojuca 1. INSPETOR CONTROLE DE QUALIDADE- Atuar com inspeção de processos / final, ensaios de rotina, controle de qualidade e verificação de falhas na

Leia mais

COPINAVAL 24/10/2007. END s Aplicação no setor naval Certificação

COPINAVAL 24/10/2007. END s Aplicação no setor naval Certificação COPINAVAL 24/10/2007 END s Aplicação no setor naval Certificação O que significa END? Ensaios Não Destrutivos: Verificar a existência de descontinuidades; Verificar a propriedade de um material; Não causa

Leia mais

DE PESSOAL EM ENSAIOS NÃO DESTRUTIVOS

DE PESSOAL EM ENSAIOS NÃO DESTRUTIVOS Página: 1 de 18 1. OBJETIVO Complementar a norma ABENDE NA-001, no que se refere ao estabelecimento da sistemática para Qualificação e Certificação de Pessoal em Ensaios Não Destrutivos nos setores industriais

Leia mais

O que são os Ensaios Não Destrutivos

O que são os Ensaios Não Destrutivos Resumo Nesse relatório vamos identificar as descontinuidade de uma peça usando ensaio por líquidos penetrantes, o qual consiste na aplicação do líquido penetrante e de um revelador que irá identificar

Leia mais

Ensaios Não Destrutivos

Ensaios Não Destrutivos Ensaios Não Destrutivos Ensaio Radiográfico O Ensaio Radiográfico Peça Filme Introdução de radiação na peça, que é absorvida diferencialmente quando ocorrem variações de densidade, espessura ou composição

Leia mais

Comandos Eletro-eletrônicos SENSORES

Comandos Eletro-eletrônicos SENSORES Comandos Eletro-eletrônicos SENSORES Prof. Roberto Leal Sensores Dispositivo capaz de detectar sinais ou de receber estímulos de natureza física (tais como calor, pressão, vibração, velocidade, etc.),

Leia mais

Sua confiança em inspeção.

Sua confiança em inspeção. , Sua confiança em inspeção. Inspeção que trás segurança. A TND Inspeções Técnicas trás a experiência de seus gestores, que atuam há mais de 10 anos no seguimento de inspeção. A capacidade técnica de sua

Leia mais

GUIA ESTUDANTIL DE. O Guia mais completo que você já viu.

GUIA ESTUDANTIL DE. O Guia mais completo que você já viu. GUIA ESTUDANTIL DE O Guia mais completo que você já viu. O QUE É END? Preservar e proteger pessoas, patrimônio e meio ambiente. Isso é ser não destrutivo. Para os profissionais de END, cuidar do amanhã

Leia mais

Participantes Alunos regularmente matriculados no Curso Superior de Tecnologia em Radiologia da UNIP

Participantes Alunos regularmente matriculados no Curso Superior de Tecnologia em Radiologia da UNIP 1 Participantes Alunos regularmente matriculados no Curso Superior de Tecnologia em Radiologia da UNIP Pré-requisitos Ter estudado e compeendido o conteúdo das páginas 5 até 23 do e-book Radiologia Industrial

Leia mais

Curso de Engenharia de Produção. Manutenção dos Sistemas de Produção

Curso de Engenharia de Produção. Manutenção dos Sistemas de Produção Curso de Engenharia de Produção Manutenção dos Sistemas de Produção Introdução: A manutenção preditiva é a primeira grande quebra de paradigma nos tipos de manutenção. No Brasil a aplicação é pequena apenas

Leia mais

Manutenção Preditiva: Caminho para a excelência

Manutenção Preditiva: Caminho para a excelência Manutenção Preditiva: Caminho para a excelência 1- CONCEITUAÇÃO Júlio Nascif Manutenção preditiva é a atuação realizada com base na modificação de parâmetro de condição ou desempenho do equipamento, cujo

Leia mais

Sensores Ultrasônicos

Sensores Ultrasônicos Sensores Ultrasônicos Introdução A maioria dos transdutores de ultra-som utiliza materiais piezelétricos para converter energia elétrica em mecânica e vice-versa. Um transdutor de Ultra-som é basicamente

Leia mais

Realizando o ensaio de ultra-som

Realizando o ensaio de ultra-som Realizando o ensaio de ultra-som A UU L AL A Na aula anterior, você ficou sabendo que o ultra-som é uma onda mecânica que se propaga de uma fonte emissora até uma fonte receptora, através de um meio físico.

Leia mais

Ensaio de Emissão Acústica Aplicado em Cilindros sem Costura para Armazenamento de Gases

Ensaio de Emissão Acústica Aplicado em Cilindros sem Costura para Armazenamento de Gases Ensaio de Emissão Acústica Aplicado em Cilindros sem Costura para Armazenamento de Gases Pedro Feres Filho São Paulo, Brasil e-mail: pedro@pasa.com.br 1- Resumo Este trabalho teve como objetivo apresentar

Leia mais

Sua empresa ainda desmonta equipamentos industriais para avaliação de suas condições internas?

Sua empresa ainda desmonta equipamentos industriais para avaliação de suas condições internas? Sua empresa ainda desmonta equipamentos industriais para avaliação de suas condições internas? Reduza custos: Para garantir a durabilidade dos equipamentos, ações de manutenção preditiva e preventiva se

Leia mais

Automação industrial Sensores

Automação industrial Sensores Automação industrial Sensores Análise de Circuitos Sensores Aula 01 Prof. Luiz Fernando Laguardia Campos 3 Modulo Feliz aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina Cora Coralina O que são sensores?

Leia mais

MFL DE ALTA RESOLUÇÃO PARA CHAPAS DE FUNDO E TETO DE TANQUES DE ARMAZENAMENTO

MFL DE ALTA RESOLUÇÃO PARA CHAPAS DE FUNDO E TETO DE TANQUES DE ARMAZENAMENTO MFL DE ALTA RESOLUÇÃO PARA CHAPAS DE FUNDO E TETO DE TANQUES DE ARMAZENAMENTO Certificada ISO 9001:2008 1 A técnica de MFL consiste na magnetização com imãs permanentes poderosos capazes de criar um campo

Leia mais

Walmor Cardoso Godoi, M.Sc. http://www.walmorgodoi.com

Walmor Cardoso Godoi, M.Sc. http://www.walmorgodoi.com Radiologia Industrial Walmor Cardoso Godoi, M.Sc. Fundamentos de Radiologia Industrial Quando pensamos em aeronaves, automóveis, metro, trens, navios, submarinos, etc todas estas máquinas não poderiam

Leia mais

w w w. h e n f e l. c o m. b r HIDROVARIADOR

w w w. h e n f e l. c o m. b r HIDROVARIADOR w w w. h e n f e l. c o m. b r HIDROVARIADOR CH-0509-BR Introdução Fundada em 1981, a HENFEL Indústria Metalúrgica Ltda. é uma tradicional empresa do setor mecânico / metalúrgico, fornecedora de Caixas

Leia mais

ENSAIO NÃO DESTRUTIVO POR ULTRASSOM XV INIC / XI EPG - UNIVAP 2011

ENSAIO NÃO DESTRUTIVO POR ULTRASSOM XV INIC / XI EPG - UNIVAP 2011 ENSAIO NÃO DESTRUTIVO POR ULTRASSOM XV INIC / XI EPG - UNIVAP 2011 Emerson Jorge de Oliveira Rezende 1, Juliano Garcia Silva Cruz 2, Jair Candido de Melo 3. 1 FEAU Faculdade de Engenharia Arquitetura e

Leia mais

Ensaios não-destrutivos

Ensaios não-destrutivos Universidade Estadual de Maringá Departamento de Engenharia Mecânica Ensaios não-destrutivos Prof. Dr. Fábio Lúcio Santos => Partículas Magnéticas => Líquidos Penetrantes Partículas Magnéticas => O ensaio

Leia mais

PP-5EN-00029 Rev. B ESTANQUEIDADE PROCEDIMENTO DE INSPEÇÃO

PP-5EN-00029 Rev. B ESTANQUEIDADE PROCEDIMENTO DE INSPEÇÃO 1. OBJETIVO Este procedimento estabelece as condições necessárias para a execução do ensaio não destrutivo de estanqueidade pelas técnicas de Pressão Positiva, Pressão Negativa e Capilaridade, a ser utilizado

Leia mais

Engenharia Diagnóstica

Engenharia Diagnóstica Engenharia Diagnóstica Ensaios Não Destrutivos - END Concreto Armado e Instalações PATOLOGIAS, DANOS E ENSAIOS NÃO DESTRUTIVOS NA CONSTRUÇÃO CIVIL ENG. LEONARDO MEDINA ROSARIO,ESP,MBA Engenharia Diagnóstica

Leia mais

APLICAÇÃO DE MANUTENÇÃO PREDITIVA EM UM SISTEMA DE DESCARREGAMENTO DE CAMINHÕES E VAGÕES TANQUE.

APLICAÇÃO DE MANUTENÇÃO PREDITIVA EM UM SISTEMA DE DESCARREGAMENTO DE CAMINHÕES E VAGÕES TANQUE. UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ DEPARTAMENTOS ACADÊMICOS DE ELETRÔNICA E MECÂNICA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MECATRÔNICA INDUSTRIAL FELIPE HENRICO LEITE FERRAZ DE CAMPOS OTÁVIO RODRIGUES

Leia mais

Radiografia industrial

Radiografia industrial A U A UL LA Radiografia industrial Introdução Se você já teve algum tipo de fratura óssea ou pegou uma gripe mais forte, certamente o médico deve ter solicitado uma radiografia da área afetada, para fazer

Leia mais

ANÁLISE DE FALHAS EM COMPRESSORES DE PARAFUSOS. Fabiano Ribeiro do Vale Almeida Universidade Federal de Itajubá

ANÁLISE DE FALHAS EM COMPRESSORES DE PARAFUSOS. Fabiano Ribeiro do Vale Almeida Universidade Federal de Itajubá ANÁLISE DE FALHAS EM COMPRESSORES DE PARAFUSOS Fabiano Ribeiro do Vale Almeida Universidade Federal de Itajubá Márcio Tadeu de Almeida Universidade Federal de Itajubá Trabalho apresentado na 6 a Conferência

Leia mais

SENSORES DISCIPLINA DE MATERIAIS ELÉTRICOS. ALUNOS: André Sato Érico Noé Leandro Percebon

SENSORES DISCIPLINA DE MATERIAIS ELÉTRICOS. ALUNOS: André Sato Érico Noé Leandro Percebon SENSORES DISCIPLINA DE MATERIAIS ELÉTRICOS ALUNOS: André Sato Érico Noé Leandro Percebon Indrodução SENSORES são dispositivos que mudam seu comportamento sob a ação de uma grandeza física, podendo fornecer

Leia mais

Manutenção Preditiva

Manutenção Preditiva Alunos: Augusto Henrique Costa Max Hiroo Maruyama Rubens Roberto Ingraci Neto Manutenção Preditiva Introdução Muller (1991) destaca que até os anos 60 era prática comum continuar utilizando os equipamentos

Leia mais

Atividades da Empresa

Atividades da Empresa Atividades da Empresa A ELsolutions atua no mercado oferecendo soluções de engenharia e montagem em equipamentos de acesso para execução de grandes obras na construção civil e manutenção de fábrica. Temos

Leia mais

Vasos de Pressão. Ruy Alexandre Generoso

Vasos de Pressão. Ruy Alexandre Generoso Vasos de Pressão Ruy Alexandre Generoso VASOS DE PRESSÃO DEFINIÇÃO: São equipamentos que contêm fluidos sob pressão, cujo produto P x V seja superior a 8. Em que: Pressão (Kpa) Volume (m 3 ) VASOS DE PRESSÃO

Leia mais

TESTE DE ESTANQUEIDADE

TESTE DE ESTANQUEIDADE TESTE DE ESTANQUEIDADE Mais do que encontrar vazamentos... por: Mauricio Oliveira Costa Consumidores (e clientes) não querem produtos que vazem. De fato, eles estão cada vez mais, exigindo melhorias no

Leia mais

SPDA (Sistema de Proteção Contra Descargas Atmosféricas) É PROIBIDA a reprodução, total ou parcial, do texto e de todo o conteúdo sem autorização.

SPDA (Sistema de Proteção Contra Descargas Atmosféricas) É PROIBIDA a reprodução, total ou parcial, do texto e de todo o conteúdo sem autorização. SPDA (Sistema de Proteção Contra Descargas Atmosféricas) Desenvolvimento de projetos Instalação de sistema de proteção (SPDA) Manutenção do sistema de SPDA Laudo Técnico Medição da resistividade do solo

Leia mais

Ensaios Não Destrutivos END CONCRETO ARMADO

Ensaios Não Destrutivos END CONCRETO ARMADO Ensaios Não Destrutivos END CONCRETO ARMADO Engenharia de Diagnóstico A engenharia Diagnóstica é a disciplina da ciência que procura a natureza e a causa das anomalias patológicas das construções, com

Leia mais

Ensaios Não Destrutivos (END)

Ensaios Não Destrutivos (END) Notas de aula: Ensaios Não Destrutivos (END) Prof. Luciano Santa Rita Oliveira Site: www.lucianosantarita.pro.br E-mail: tecnologo@lucianosantarita.pro.br Conteúdo programático Conceitos de processos de

Leia mais

LOM3084 - INSPEÇÃO E ENSAIOS NÃO DESTRUTIVOS LOM 3084 INSPEÇÃO E ENSAIOS NÃO DESTRUTIVOS

LOM3084 - INSPEÇÃO E ENSAIOS NÃO DESTRUTIVOS LOM 3084 INSPEÇÃO E ENSAIOS NÃO DESTRUTIVOS LOM3084 - INSPEÇÃO E ENSAIOS NÃO DESTRUTIVOS LOM 3084 INSPEÇÃO E ENSAIOS NÃO DESTRUTIVOS Prof.Dr. José Benedito Marcomini LOM3084 - INSPEÇÃO E ENSAIOS NÃO DESTRUTIVOS REFERÊNCIAS: METALS HANDBOOK, VOL.17;

Leia mais

4. O Ciclo das Substancias na Termoelétrica Convencional De uma maneira geral todas as substâncias envolvidas na execução do trabalho são o

4. O Ciclo das Substancias na Termoelétrica Convencional De uma maneira geral todas as substâncias envolvidas na execução do trabalho são o 1.Introdução O fenômeno da corrente elétrica é algo conhecido pelo homem desde que viu um raio no céu e não se deu conta do que era aquilo. Os efeitos de uma descarga elétrica podem ser devastadores. Há

Leia mais

Sistemas de Monitoramento e Proteção de Vibração Integrados à Plataforma de Gerenciamento de Ativos. Gilberto Gomes 24/08/2011

Sistemas de Monitoramento e Proteção de Vibração Integrados à Plataforma de Gerenciamento de Ativos. Gilberto Gomes 24/08/2011 Sistemas de Monitoramento e Proteção de Vibração Integrados à Plataforma de Gerenciamento de Ativos Gilberto Gomes 24/08/2011 Gerenciamento de Ativos Definição Gerenciar ativos é garantir uma maior disponibilidade

Leia mais

Capítulo III Manutenção preditiva e detectiva

Capítulo III Manutenção preditiva e detectiva 46 Capítulo III Manutenção preditiva e detectiva Por Igor Mateus de Araújo e João Maria Câmara* Manutenção preditiva Uma empresa vinha desenvolvendo de modo satisfatório um programa de manutenção, porém,

Leia mais

Válvulas gaveta e borboleta Válvulas de controle e transferência Válvulas angular e in-line Acessórios

Válvulas gaveta e borboleta Válvulas de controle e transferência Válvulas angular e in-line Acessórios inovar constantemente, oferecer um excelente serviço de pós-venda e atender a clientes da indústria e pesquisa com produtos e serviços apoiados no comprometimento com a qualidade e uso de tecnologia de

Leia mais

Sistemas de Medidas e Instrumentação

Sistemas de Medidas e Instrumentação Sistemas de Medidas e Instrumentação Parte 3 Prof.: Márcio Valério de Araújo 1 Medição de Nível Capítulo VII Nível é a altura do conteúdo de um reservatório Através de sua medição é possível: Avaliar o

Leia mais

E-QP-EES-014 REV. 0 02/Jan/2012

E-QP-EES-014 REV. 0 02/Jan/2012 ESTANQUEIDADE PROCEDIMENTO DE INSPEÇÃO ENGENHARIA Procedimento Operacional Os comentários e sugestões referentes a este documento devem ser encaminhados ao SEQUI, indicando o item a ser revisado, a proposta

Leia mais

Consultoria Técnica e Auditoria IMPLANTAÇÃO DE PLANOS DE MANUTENÇÃO PREDITIVA

Consultoria Técnica e Auditoria IMPLANTAÇÃO DE PLANOS DE MANUTENÇÃO PREDITIVA 1/12 IMPLANTAÇÃO DE PLANOS DE MANUTENÇÃO PREDITIVA Sumário 1 - Manutenção Preditiva: Definições 1.1 - O que é Manutenção Preditiva x Programada 1.2 - O que é Manutenção Preventiva 1.3 - Planos de Inspeções

Leia mais

Tecnologia de sistemas.

Tecnologia de sistemas. Tecnologia de sistemas. HYDAC Dinamarca HYDAC Polônia HYDAC Brasil HYDAC Índia HYDAC China HYDAC França HYDAC Alemanha Seu parceiro profissional para a tecnologia de sistemas. Com mais de 7.500 colaboradores

Leia mais

DIAGNÓSTICO, ENSAIOS PARA DIAGNÓSTICO E TIPOS DE INTERVENÇÃO. Prof. Bernardo F Tutikian

DIAGNÓSTICO, ENSAIOS PARA DIAGNÓSTICO E TIPOS DE INTERVENÇÃO. Prof. Bernardo F Tutikian DIAGNÓSTICO, ENSAIOS PARA DIAGNÓSTICO E TIPOS DE INTERVENÇÃO Prof. Bernardo F Tutikian Desempenho das Construções Problemas patológicos Quando uma edificação fica doente, ou apresenta algum problema em

Leia mais

Introdução à Lubrificação Industrial

Introdução à Lubrificação Industrial Introdução à Lubrificação Industrial Prof. Matheus Fontanelle Pereira Curso Técnico em Eletromecânica Departamento de Processos Industriais Campus Lages Objetivos da Unidade Curricular Conhecer os 5 Ws

Leia mais

Manutenção preditiva

Manutenção preditiva A UU L AL A Manutenção preditiva Uma empresa vinha desenvolvendo de modo satisfatório um programa de manutenção, porém, o relatório final de produção indicava a possibilidade de aperfeiçoamentos no processo.

Leia mais

0,8 0,9 1,0 1,2 1,32 1,6 18-20 100-250 ROSETADO AWS A 5.18 ER70S-6 0,15 0,15 0,15 0,03

0,8 0,9 1,0 1,2 1,32 1,6 18-20 100-250 ROSETADO AWS A 5.18 ER70S-6 0,15 0,15 0,15 0,03 ARAMES PARA SOLDA A MELHOR OPÇÃO PARA INDÚSTRIAS Soldar com GerdauMIG é ter alto rendimento nos processos industriais em soldagens semiautomáticas, mecanizadas e robotizadas, nos mais diversos segmentos.

Leia mais

Rafael da Conceição Santana

Rafael da Conceição Santana Rafael da Conceição Santana Rua Xavantes, 23 (11) 4376-2011 / ( (11) 99501-4586 Brasileiro rafael- 29 anos Bairro: Bussocaba james@ig.com.br 06056-440 Osasco SP Solteiro Formação: Universidade Bandeirante

Leia mais

2 SISTEMAS DE DETECÇÃO DE VAZAMENTOS EM DUTOS

2 SISTEMAS DE DETECÇÃO DE VAZAMENTOS EM DUTOS 2 SISTEMAS DE DETECÇÃO DE VAZAMENTOS EM DUTOS Neste capítulo vamos apresentar um breve estudo de técnicas e sistemas de detecção de vazamentos mais utilizados atualmente. Nosso objetivo é demonstrar que

Leia mais

Comparação entre Tratamentos Térmicos e Método Vibracional em Alívio de Tensões após Soldagem

Comparação entre Tratamentos Térmicos e Método Vibracional em Alívio de Tensões após Soldagem Universidade Presbiteriana Mackenzie Comparação entre Tratamentos Térmicos e Método Vibracional em Alívio de Tensões após Soldagem Danila Pedrogan Mendonça Orientador: Profº Giovanni S. Crisi Objetivo

Leia mais

UM NOME, MUITAS SOLUÇÕES!

UM NOME, MUITAS SOLUÇÕES! UM NOME, MUITAS SOLUÇÕES! Fundado em 2010, o Grupo Vikon, hoje é a mais completa prestadora de serviços de consultoria técnica, inspeção e manutenção do mercado. Nossa equipe especializada e eficientemente

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. 2.1 A manutenção preventiva para os aparelhos de Ar Condicionado do tipo janela:

TERMO DE REFERÊNCIA. 2.1 A manutenção preventiva para os aparelhos de Ar Condicionado do tipo janela: ANEXO II TERMO DE REFERÊNCIA 1 DO OBJETO DA LICITAÇÃO 1.1 CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA MANUTENÇÃO PREVENTIVA E CORRETIVA COM REPOSIÇÃO PARCIAL DE PEÇAS ORIGINAIS DOS EQUIPAMENTOS DE REFRIGERAÇÃO

Leia mais

PLANO DE MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS DA PRODUÇÃO

PLANO DE MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS DA PRODUÇÃO Pág.: 1 de 10 Identificação do equipamento ELEVADOR DE PASSAGEIROS E CARGAS Com Relação às Torres: Prumo; Espessura da parede do tubo; Resistência e nivelamento da base; Estaiamento; Aterramento elétrico

Leia mais

MEDIDORES DE NÍVEL RESUMO 1 INTRODUÇÃO. Eloá Luis De Melo. Iana Larissa Pinto. Jéssica Franciele Pacheco Meireles. João Batista Rezende

MEDIDORES DE NÍVEL RESUMO 1 INTRODUÇÃO. Eloá Luis De Melo. Iana Larissa Pinto. Jéssica Franciele Pacheco Meireles. João Batista Rezende MEDIDORES DE NÍVEL Eloá Luis De Melo Iana Larissa Pinto Jéssica Franciele Pacheco Meireles João Batista Rezende Lorena Ribeiro Oliveira RESUMO Este trabalho apresenta os conceitos sobre medição de nível,

Leia mais

TÉCNICAS PREDITIVAS LIGADAS À INSPEÇÃO

TÉCNICAS PREDITIVAS LIGADAS À INSPEÇÃO TÉCNICAS PREDITIVAS LIGADAS À INSPEÇÃO TÉCNICAS PREDITIVAS LIGADAS À INSPEÇÃO Elaboradores: Aderaldo Calente Álvaro Pio Ricardo T. Menezes SUMÁRIO 1.0 APRESENTAÇÃO... 10 2.0 ESTANQUEIDADE... 11 2.1 INTRODUÇÃO

Leia mais

ARAME PARA SOLDA MIG GERDAU A MELHOR OPÇÃO PARA INDÚSTRIAS

ARAME PARA SOLDA MIG GERDAU A MELHOR OPÇÃO PARA INDÚSTRIAS ARAMES PARA SOLDA ARAME PARA SOLDA MIG GERDAU A MELHOR OPÇÃO PARA INDÚSTRIAS Soldar com Gerdau-MIG é ter alto rendimento nos processos industriais em soldagens semiautomáticas, mecanizadas e robotizadas,

Leia mais

Ensaio por raios gama

Ensaio por raios gama A UU L AL A Ensaio por raios gama Na aula anterior, você aprendeu a fazer ensaio por raios X numa chapa soldada. Constatou que durante a realização do ensaio aparentemente nada acontece, porque as radiações

Leia mais

Atuando desde 1981 (mil novecentos e oitenta e um), a Henfel fabrica caixas para

Atuando desde 1981 (mil novecentos e oitenta e um), a Henfel fabrica caixas para Atuando desde 1981 (mil novecentos e oitenta e um), a Henfel fabrica caixas para rolamentos, acoplamentos hidrodinâmicos e flexíveis, e hidrovariadores de velocidade, produtos destinados a atender os mais

Leia mais

NOVAS MÁQUINAS DE ENSAIOS NÃO DESTRUTIVOS DA MWL BRASIL RODAS & EIXOS LTDA. Domingos José Minicucci MWL BRASIL RODAS & EIXOS LTDA

NOVAS MÁQUINAS DE ENSAIOS NÃO DESTRUTIVOS DA MWL BRASIL RODAS & EIXOS LTDA. Domingos José Minicucci MWL BRASIL RODAS & EIXOS LTDA NOVAS MÁQUINAS DE ENSAIOS NÃO DESTRUTIVOS DA MWL BRASIL RODAS & EIXOS LTDA Domingos José Minicucci MWL BRASIL RODAS & EIXOS LTDA Trabalho apresentado no XXI Congresso Nacional de Ensaios Não Destrutivos,

Leia mais

vendas1@juntasamf.com.br

vendas1@juntasamf.com.br À Sr( a) Ref.: Apresentação para Cadastro de Fornecedor Prezados Senhores, Vimos através desta, apresentar a Juntas AMF Ind. e Com. de Peças Ltda., uma empresa que já se tornou referencia no mercado de

Leia mais

Suportes de Tubulações

Suportes de Tubulações Suportes de Tubulações Classificação dos Suportes Destinados a sustentar os pesos Fixos Semimóveis Móveis (Suportes de mola e suportes de contrapeso) Destinados a limitar os movimentos dos tubos Dispositivo

Leia mais

Tema Central: Teoria Ondulatória

Tema Central: Teoria Ondulatória ÁREA: CIÊNCIAS DA NATUREZA, MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS Tema Central: Teoria Ondulatória SUMÁRIO 1 Ondas Sonoras 1.1 Transmissão do Som 1.2 Aplicações de ondas sonoras 2. Solução de Situações Problemas

Leia mais

Trabalha nos diversos setores da indústria no Brasil, dentre os quais se destaca:

Trabalha nos diversos setores da indústria no Brasil, dentre os quais se destaca: HSO Hidráulica e Pneumática Ltda, e uma empresa constituída de engenheiros, técnicos e projetistas especializados nos setores de hidráulica e pneumática. Atuam fortemente na engenharia e desenvolvimento,

Leia mais

Portaria n.º 248, de 28 de maio de 2014.

Portaria n.º 248, de 28 de maio de 2014. Serviço Público Federal MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR INSTITUTO NACIONAL DE METROLOGIA, QUALIDADE E TECNOLOGIA - INMETRO Portaria n.º 248, de 28 de maio de 2014. O PRESIDENTE

Leia mais

Medição de Nível. Profa. Michelle Mendes Santos

Medição de Nível. Profa. Michelle Mendes Santos Medição de Nível Profa. Michelle Mendes Santos Introdução Medir a variável nível em processos industriais é quantificar referenciais por meio da monitoração contínua ou discreta com o objetivo de avaliar

Leia mais

http://www.sabereletronica.com.br/secoes/leitura/1569/imprimir:yes Imprimir

http://www.sabereletronica.com.br/secoes/leitura/1569/imprimir:yes Imprimir 1 de 12 28/02/2011 16:11 Imprimir PRODUTOS / Sensores 05/04/2010 16:50:05 Curso sobre Sensores Veja na primeira parte deste artigo a abordagem dos principais sensores utilizados na indústria, e como eles

Leia mais

SIGNALWORKS. Brasil QUAL É O SEU DESAFIO? A SIGNALWORKS TEM A SOLUÇÃO!

SIGNALWORKS. Brasil QUAL É O SEU DESAFIO? A SIGNALWORKS TEM A SOLUÇÃO! SIGNALWORKS Brasil A Signalworks é uma empresa com foco na área de testes, medições e controle. Atuando na engenharia experimental há mais de 15 anos, a Signalworks estabeleceu-se como uma das mais renomadas

Leia mais

Linha Industrial. Soluções Rexnord ÍNDICE. Soluções em Acoplamentos. Acoplamentos Omega Acoplamentos Omega HSU. Correntes de Engenharia

Linha Industrial. Soluções Rexnord ÍNDICE. Soluções em Acoplamentos. Acoplamentos Omega Acoplamentos Omega HSU. Correntes de Engenharia www.rexnord.com.br vendassl@rexnord.com.br Soluções Rexnord Linha Industrial ÍNDICE Soluções em Acoplamentos Acoplamentos Omega Acoplamentos Omega HSU Correntes de Engenharia Pronto atendimento Rexnord:

Leia mais

Transformando energia em soluções. Motores de. Alta Tensão

Transformando energia em soluções. Motores de. Alta Tensão Transformando energia em soluções Motores de Alta Tensão Motores de alta tensão A WEG desenvolveu em conjunto com consultoria internacional especializada uma linha de motores de carcaça de ferro fundido

Leia mais

CONCURSO DE ADMISSÃO AO CURSO DE FORMAÇÃO E GRADUAÇÃO FÍSICA CADERNO DE QUESTÕES

CONCURSO DE ADMISSÃO AO CURSO DE FORMAÇÃO E GRADUAÇÃO FÍSICA CADERNO DE QUESTÕES CONCURSO DE ADMISSÃO AO CURSO DE FORMAÇÃO E GRADUAÇÃO FÍSICA CADERNO DE QUESTÕES 1 a QUESTÃO Valor: 1,00 A L 0 H mola apoio sem atrito B A figura acima mostra um sistema composto por uma parede vertical

Leia mais

PIGS INSTRUMENTADOS PIGS INSTRUMENTADOS HISTÓRIA PRINCIPAIS FERRAMENTAS O QUE SÃO PIGS INSTRUMENTADOS?

PIGS INSTRUMENTADOS PIGS INSTRUMENTADOS HISTÓRIA PRINCIPAIS FERRAMENTAS O QUE SÃO PIGS INSTRUMENTADOS? PIGS INSTRUMENTADOS O QUE SÃO PIGS INSTRUMENTADOS? SÃO PIGS QUE REALIZAM MEDIDAS AO LONGO DO PERCURSO DO DUTO, REGISTRANDO AS INFORMAÇÕES. ESTAS INFORMAÇÕES NORMALMENTE SÃO UTILIZADAS PARA AVALIAR A INTEGRIDADE

Leia mais

FORMAÇÃO DE INSPETOR DE EQUIPAMENTOS. Manuel Joaquim de Castro Lourenço Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca CEFET/RJ

FORMAÇÃO DE INSPETOR DE EQUIPAMENTOS. Manuel Joaquim de Castro Lourenço Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca CEFET/RJ FORMAÇÃO DE INSPETOR DE EQUIPAMENTOS Manuel Joaquim de Castro Lourenço Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca CEFET/RJ Marcelo Maciel Pereira Fundação Brasileira de Tecnologia da

Leia mais

ANEXO XVII PLANO DE MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS E EDIFICAÇÕES

ANEXO XVII PLANO DE MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS E EDIFICAÇÕES ANEXO XVII PLANO DE MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS E EDIFICAÇÕES Complexo Esportivo de Deodoro Edital 1.10 1. Instalações Hidráulicas e Sanitárias Os serviços de manutenção de instalações hidráulicas e sanitárias,

Leia mais

Turbocompressor modelo ABS HST 20

Turbocompressor modelo ABS HST 20 Turbocompressor modelo ABS HST 20 Principais Aplicações O turbocompressor modelo ABS HST 20 é altamente adequado para as seguintes áreas de aplicação: Aeração de água, efluentes ou outros líquidos Flotação

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE UM SISTEMA AUTOMATIZADO PARA INSPEÇÃO ULTRA-SÔNICA EM CASCO DE NAVIO

DESENVOLVIMENTO DE UM SISTEMA AUTOMATIZADO PARA INSPEÇÃO ULTRA-SÔNICA EM CASCO DE NAVIO DESENVOLVIMENTO DE UM SISTEMA AUTOMATIZADO PARA INSPEÇÃO ULTRA-SÔNICA EM CASCO DE NAVIO Antonio A. de Carvalho, Raphael C. S. B. Suita, Ivan C. da Silva, João M. A. Rebello Universidade Federal do Rio

Leia mais

Bomba Centrífuga Vertical Multiestágio Grundfos CR

Bomba Centrífuga Vertical Multiestágio Grundfos CR Bomba Centrífuga Vertical Multiestágio Grundfos CR Motor Grundfos A Grundfos desenvolve motores para garantir o desempenho máximo. Todos os motores Grundfos são EFF1 (alto rendimento) e extremamente silenciosos.

Leia mais

Que são sensores? São dispositivos que são sensíveis à um fenômeno físico (luz, temperatura, impedância elétrica etc.) e transmitem um sinal para um

Que são sensores? São dispositivos que são sensíveis à um fenômeno físico (luz, temperatura, impedância elétrica etc.) e transmitem um sinal para um Que são sensores? São dispositivos que são sensíveis à um fenômeno físico (luz, temperatura, impedância elétrica etc.) e transmitem um sinal para um dispositivo de medição ou controle. 1 Cite 05 tipos

Leia mais

XIX Seminário Nacional de Distribuição de Energia Elétrica. SENDI 2010 22 a 26 de novembro. São Paulo - SP - Brasil

XIX Seminário Nacional de Distribuição de Energia Elétrica. SENDI 2010 22 a 26 de novembro. São Paulo - SP - Brasil XIX Seminário Nacional de Distribuição de Energia Elétrica SENDI 2010 22 a 26 de novembro São Paulo - SP - Brasil Ensaios Mecânicos Preventivos em Cestas Aéreas e Equipamentos de Içamento Alexandre Turcato

Leia mais

ESCOPO DA ACREDITAÇÃO ABNT NBR ISO/IEC 17025 ENSAIO

ESCOPO DA ACREDITAÇÃO ABNT NBR ISO/IEC 17025 ENSAIO Norma de Origem: NIT-DICLA-013 Folha: 1 / 09 RAZÃO SOCIAL/DESIGNAÇÃO DO LABORATÓRIO INSTITUTO DE PESQUISAS TECNOLÓGICAS DO ESTADO DE SÃO PAULO S.A. IPT CENTRO TECNOLÓGICO DO AMBIENTE CONSTRUÍDO - CETAC

Leia mais

Sistema de Gestão de Segurança e Saúde Ocupacional Identificação: PROSHISET 06

Sistema de Gestão de Segurança e Saúde Ocupacional Identificação: PROSHISET 06 Extintores de Incêndio Portáteis. Revisão: 00 Folha: 1 de 7 1. Objetivo Assegurar que todos os canteiros de obras atendam as exigências para utilização dos extintores de incêndio portáteis de acordo com

Leia mais

ANEXO IV PROCEDIMENTO DE INSPEÇÃO DE MOTOCICLOS E ASSELMELHADOS DO CICLO OTTO NO PROGRAMA I/M-SP

ANEXO IV PROCEDIMENTO DE INSPEÇÃO DE MOTOCICLOS E ASSELMELHADOS DO CICLO OTTO NO PROGRAMA I/M-SP ANEXO IV PROCEDIMENTO DE INSPEÇÃO DE MOTOCICLOS E ASSELMELHADOS DO CICLO OTTO NO PROGRAMA I/M-SP 1. Previamente à inspeção, o veículo depois de recepcionado no Centro de Inspeção, deve ser direcionado

Leia mais

1 Fibra Óptica e Sistemas de transmissão ópticos

1 Fibra Óptica e Sistemas de transmissão ópticos 1 Fibra Óptica e Sistemas de transmissão ópticos 1.1 Introdução Consiste em um guia de onda cilíndrico, conforme ilustra a Figura 1, formado por núcleo de material dielétrico (em geral vidro de alta pureza),

Leia mais

Tomografia e Radiografia Industrial. Walmor Cardoso Godoi, M.Sc. http://www.walmorgodoi.com

Tomografia e Radiografia Industrial. Walmor Cardoso Godoi, M.Sc. http://www.walmorgodoi.com Tomografia e Radiografia Industrial Walmor Cardoso Godoi, M.Sc. http://www.walmorgodoi.com contato@walmorgodoi.com Agenda Ensaios Não Destrutivos (END) Inspeção Radiográfica Industrial Radioscopia Industrial

Leia mais

(A) teoria de Tresca, de Von Mises, energia de distorção

(A) teoria de Tresca, de Von Mises, energia de distorção Engenheiro Mecânico ==Questão 26==================== Em várias empresas comerciais, para a circulação de arcondicionado, projetam-se condutos ou tubulações circulares. Ao longo de um duto de diâmetro constante

Leia mais

Tipos de tratores agrícolas

Tipos de tratores agrícolas Tratores Agrícolas Tipos de tratores agrícolas Tratores agrícolas São máquinas projetadas para tracionar, transportar e fornecer potência para máquinas e implementos agrícolas. O desenvolvimento de tratores

Leia mais

Qualificação de Procedimentos

Qualificação de Procedimentos Qualificação de Procedimentos Os equipamentos em geral são fabricados por meio de uniões de partes metálicas entre si empregando-se soldas. Há, portanto a necessidade de se garantir, nestas uniões soldadas,

Leia mais

Análise de Vibração RELATÓRIO TÉCNICO 0914

Análise de Vibração RELATÓRIO TÉCNICO 0914 ANÁLISE DE VIBRAÇÃO DAE - Analandia DAE 1. OBJETIVO Apresentar ao DAE a Análise de Vibrações realizada nos equipamentos de sua unidade em Analandia. 2. INSTRUMENTAÇÃO UTILIZADA 1- Analisador de Vibrações

Leia mais

CURSO DE TECNOLOGIA EM MANUTENÇÃO INDUSTRIAL ALEX MARTINS DOS SANTOS GUILHERME ALVES MACHADO ARAÚJO MARCO ANTÔNIO SALGADO DE SOUZA

CURSO DE TECNOLOGIA EM MANUTENÇÃO INDUSTRIAL ALEX MARTINS DOS SANTOS GUILHERME ALVES MACHADO ARAÚJO MARCO ANTÔNIO SALGADO DE SOUZA CURSO DE TECNOLOGIA EM MANUTENÇÃO INDUSTRIAL ALEX MARTINS DOS SANTOS GUILHERME ALVES MACHADO ARAÚJO MARCO ANTÔNIO SALGADO DE SOUZA INSPEÇÃO EM JUNTAS SOLDADAS DE SKID UTILIZANDO O ENSAIO POR LÍQUIDO PENETRANTE

Leia mais

Teste Hidrostático. Projeto de Dutos

Teste Hidrostático. Projeto de Dutos Teste hidrostático Definição (NBR 12712) Teste (ensaio) de pressão com água, que demonstra que um tubo ou um sistema de tubulação possui resistência mecânica compatível com suas especificações ou suas

Leia mais

MANUTENÇÃO DAS ESTRUTURAS METALICAS COM UTILIZAÇÃO DOS ENSAIOS NÃO DESTRUTIVOS

MANUTENÇÃO DAS ESTRUTURAS METALICAS COM UTILIZAÇÃO DOS ENSAIOS NÃO DESTRUTIVOS MANUTENÇÃO DAS ESTRUTURAS METALICAS COM UTILIZAÇÃO DOS ENSAIOS NÃO DESTRUTIVOS RESUMO. Engº. Fabio Gomes da Costa; M.Sc* *Engenheiro Civil Pós-Graduado Engenharia e Ciências dos Materiais e Processos Metalúrgico

Leia mais

ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGO APP TERMOELÉTRICA GÁS NATURAL

ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGO APP TERMOELÉTRICA GÁS NATURAL ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGO APP TERMOELÉTRICA GÁS NATURAL Sub-subsistema: Alimentação de Gás Natural (CityGate) / Distribuição ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGO - APP Grande tubulações do CityGate Pequeno

Leia mais

AUTOMATION. Soluções em sensoriamento industrial. Sensores fotoelétricos e laser, digitais e analógicos

AUTOMATION. Soluções em sensoriamento industrial. Sensores fotoelétricos e laser, digitais e analógicos Sensores fotoelétricos e laser, digitais e analógicos Sensores Indutivos, capacitivos e ultrassônicos Sistemas de medição laser e visão industrial Cabos e conectores de campo AUTOMATION. Soluções em sensoriamento

Leia mais

Instituto de Biociências Campus de Botucatu

Instituto de Biociências Campus de Botucatu Instituto de Biociências Campus de Botucatu Ensaios não destrutivos: metrologia e calibração Degliane Brizzi Monografia apresentada ao Instituto de Biociências, Campus de Botucatu, para obtenção do título

Leia mais

CADERNO DE PROVA 15 DE SETEMBRO DE 2012 INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA

CADERNO DE PROVA 15 DE SETEMBRO DE 2012 INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA 1 Cada candidato receberá: CADERNO DE PROVA 15 DE SETEMBRO DE 2012 INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA - 01 (um) Caderno de Prova de 10 (dez) páginas, contendo 25 (vinte e cinco) questões de múltipla

Leia mais

ASPERSÃO TÉRMICA EQUIPAMENTOS PLASMA SPRAY PROCESSO PLASMA

ASPERSÃO TÉRMICA EQUIPAMENTOS PLASMA SPRAY PROCESSO PLASMA ASPERSÃO TÉRMICA PROCESSO Resumidamente, Aspersão Térmica consiste em um grupo de processos em que materiais metálicos e não metálicos são projetados na forma fundida ou semifundida sobre uma superfície

Leia mais