LÍNGUA PORTUGUESA PROFESSOR ANTONIO DUARTE

Save this PDF as:

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "LÍNGUA PORTUGUESA PROFESSOR ANTONIO DUARTE"

Transcrição

1 LÍNGUA PORTUGUESA PROFESSOR ANTONIO DUARTE Facebook: Antonio Duarte

2 SINTAXE ORAÇÃO = É o enunciado que gira em torno de um verbo. -Que dia lindo! - O dia está lindo! Ligados aos verbos, nós temos os seguintes termos: Sujeito, Complementos Verbais (OD e OI), Agente da passiva e Adjunto Adverbial. -SUJEITO É a quem o verbo se refere. Ou seja, de quem emana a açõ do verbo. Como identificar o sujeito: a) O aluno estuda muito. Atenção: O sujeito pode ser representado por uma oração. b) A lei garantiu a paz. É necessário que você estude. c) Ocorrerão grandes eventos neste estádio.

3 Bizu de amigo: sujeito nunca poderá ser preposicionado. Feriu o leão o caçador. Feriu o leão o caçador. Cabe aos pais a instrução dos filhos. Convém a você estudar. Repare como isso ajuda: Tu verás separar ao negro hábil do pesado esmeril a grossa areia.

4 Bizu de amigo: não se separam por vírgulas o sujeito e o seu verbo. - Os bons alunos merecem o nosso apoio durante todo o ano. Se entre o sujeito e o seu verbo colocarmos outro termo, usaremos as vírgulas para marcar a interrupção da sequência. - Os Bons alunos, durante todo o ano, merecem o nosso apoio. Ainda: Durante todo o ano, os bons alunos merecem o nosso apoio.

5 Tipos de Sujeito e a Concordância Verbal SIMPLES Possui um único núcleo com o qual o verbo concorda. O canto dos pássaros encanta a todos. Os alunos do nosso curso conseguirão ótimas notas. COMPOSTO Possui dois ou mais núcleos. A disciplina e o entusiasmo movem aquele rapaz. -Atenção quanto à concordância na ordem inversa: Chegaram a diretora e o professor. Chegou a diretora e o professor.

6 -Sujeito composto por: a) Pronome Reto + Pronome Reto: Eu e tu chegamos ao aeroporto. Eu e ele bebemos um bom vinho. Tu e ele comeis comem sempre naquele restaurante. a) Pronome Reto + Substantivo: A professora e eu assistimos a um documentário. Tu e aquela menina amais amam o mesmo homem.

7 DESINENCIAL, ELÍPTICO OU OCULTO é quando sabemos quem é o sujeito, porém ele não vem escrito. Às vezes, desconhecemos o nosso potencial. Sei que um dia conseguirei a minha aprovação. INDETERMINADO - é quando sabemos que existe um sujeito, porém não conseguimos identificá-lo. Nunca me disseram isso. Atenção: Não confundir o sujeito indeterminado com o sujeito explícito representado por um pronome indefinido. Alguém veio aqui. Onde colocaram o livro? Todos são os meus conhecidos. Precisa-se de funcionários. Ninguém chegou até agora.

8 - Formas de Indeterminação do Sujeito: a) Verbo na 3ª pessoa do plural sem referência a qualquer termo que, anterior ou posterior, sirva de sujeito: Dizem maravilhas sobre Maceió. Antonio, disseram-me que você esteve aqui ontem. Cuidado: Os turistas sempre voltam animados de Alagoas. Dizem maravilhas de Maceió. b) Verbo na 3ª pessoa do singular acompanhado do pronome SE, não seguido ou não referido a substantivo ou pronome que sirvam de sujeito: Precisa-se de profissionais. Vive-se bem aqui. Lê-se pouco entre nós. É-se feliz neste curso.

9 Como identificar o sujeito com o Pronome SE : Discordou-se do fato. Discutiu-se o fato. Falou-se tudo na reunião. Falou-se sobre tudo na reunião. Comeu-se uma deliciosa massa naquele restaurante. Comeu-se muito bem naquele restaurante. Comenta-se que os nossos alunos são os melhores.

10 ORAÇÃO SEM SUJEITO OU SUJEITO INEXISTENTE quando não existe elemento ao qual o verbo se refere. Nevou durante a madrugada. Atenção: Os verbos que não possuem sujeito chamam-se IMPESSOAIS. Estes, salvo em raros casos, deverão aparecer sempre no SINGULAR. - Os verbos impessoais mais comuns, em concursos, são: a) Verbo HAVER no sentido de existir e na indicação de tempo passado: Cuidado: Houve grandes ofertas. grandes ofertas. (existir) Chegamos aqui há dois dias. Deve haver bons motivos. Estamos dois dias da prova. (há / a) Ele permanece dois metros do alvo. ( há / a) bons motivos. (deve haver)

11 b) Verbo FAZER na indicação de tempo decorrido e fenômenos da natureza: Faz dois meses que não te vejo. Fez noites frias naquele mês. Faz sol o ano todo. Deve fazer trinta graus esta tarde. Vai fazer duas semanas que estou aqui. c) Basta de e Chega de, no sentido de parar: Basta de histórias. Chega de promessas.

12 d) Verbos que indicam fenômenos da natureza: chover, trovejar, anoitecer, relampejar: Trovejou durante o dia. Choveu no Rio Grande do Sul. Cuidado: Quando esses verbos estiverem sendo utilizados no sentido conotativo (figurado), eles se tornam PESSOAIS. Ou seja, possuem sujeito, com o o verbo deve concordar. Choveram boas notícias após a publicação do resultado. Os manifestantes trovejaram palavrões. e) O verbo SER na indicação de tempo e distância: É noite em Tóquio. São duas horas. Daqui até lá são três quilômetros. Atenção: Nestes casos, o verbo SER concorda com a expressão que o acompanha, mesmo sendo impessoal.

13 Muito melhor é ousar grande feitos, ganhar gloriosos triunfos, mesmo salpicados de falhas, do que se alinhar com aqueles pobres espíritos que nem se alegram muito nem sofrem muito, porque eles vivem no crepúsculo cinzento que não conhece vitória ou derrota. Theodore Roosevelt

Sujeito determinado: ocorre quando a terminação do verbo e o contexto permitem: - reconhecer que existe um elemento ao qual o predicado se refere;

Sujeito determinado: ocorre quando a terminação do verbo e o contexto permitem: - reconhecer que existe um elemento ao qual o predicado se refere; Tipos de sujeito Sujeito determinado: ocorre quando a terminação do verbo e o contexto permitem: - reconhecer que existe um elemento ao qual o predicado se refere; - indicar quem é esse elemento. Exemplo:

Leia mais

Colégio Diocesano Seridoense- CDS

Colégio Diocesano Seridoense- CDS Colégio Diocesano Seridoense- CDS SUJEITO E PREDICADO C A L I A N A M E D E I R O S A morfologia estuda as classes gramaticais, isto é, o campo da seleção, enquanto a sintaxe estuda o campo da combinação

Leia mais

Aula 16 Termos essenciais da oração. Professor Guga Valente

Aula 16 Termos essenciais da oração. Professor Guga Valente Aula 16 Termos essenciais da oração Professor Guga Valente Termos essenciais 1. Termos essenciais: aqueles que são indispensáveis, isto é, não podem faltar. São eles: sujeito e predicado. 2. Termos integrantes:

Leia mais

TERMOS BÁSICOS DA ORAÇÃO: SUJEITO E PREDICADO

TERMOS BÁSICOS DA ORAÇÃO: SUJEITO E PREDICADO Frase, oração, período TERMOS BÁSICOS DA ORAÇÃO: SUJEITO E PREDICADO Frase é uma palavra ou um conjunto organizado de palavras que estabelecem comunicação entre duas ou mais pessoas. A frase é marcada,

Leia mais

: é o termo da oração que, através de um verbo, projeta alguma afirmação sobre o sujeito.

: é o termo da oração que, através de um verbo, projeta alguma afirmação sobre o sujeito. feita através do predicado. : é o termo da oração que funciona como suporte de uma afirmação : é o termo da oração que, através de um verbo, projeta alguma afirmação sobre o sujeito. A pequena criança

Leia mais

Professor Marlos Pires Gonçalves

Professor Marlos Pires Gonçalves Termos essenciais da oração Introdução Chamamos de termos essenciais da oração aqueles compõem a estrutura básica da oração, ou seja, que são necessários para que a oração tenha significado. São eles:

Leia mais

CONCEITOS GRAMATICAIS PARA ESTUDO CARLA FRASE. FRASE VERBAL: é frase que apresenta verbo ou locução verbal.

CONCEITOS GRAMATICAIS PARA ESTUDO CARLA FRASE. FRASE VERBAL: é frase que apresenta verbo ou locução verbal. CONCEITOS GRAMATICAIS PARA ESTUDO CARLA FRASE É uma enunciado (uma mensagem) de sentido completo que estabelece comunicação. Toda frase deve ser pontuada. FRASE VERBAL: é frase que apresenta verbo ou locução

Leia mais

Tipos de Sujeito. Profª Fernanda Machado

Tipos de Sujeito. Profª Fernanda Machado Tipos de Sujeito Profª Fernanda Machado Sujeito Simples: possui apenas um núcleo e este vem expresso na sentença. Os homens destroem a natureza. Quem destrói a natureza? Os homens Deus é perfeito! Quem

Leia mais

APOIO PEDAGÓGICO AO NÚCLEO COMUM GRAMÁTICA TRADICIONAL AULA 3: SINTAXE TERMOS ESSENCIAIS. Tutora: Ariana de Carvalho

APOIO PEDAGÓGICO AO NÚCLEO COMUM GRAMÁTICA TRADICIONAL AULA 3: SINTAXE TERMOS ESSENCIAIS. Tutora: Ariana de Carvalho APOIO PEDAGÓGICO AO NÚCLEO COMUM GRAMÁTICA TRADICIONAL AULA 3: SINTAXE TERMOS ESSENCIAIS Tutora: Ariana de Carvalho O QUE É SINTAXE? É a parte da gramática que estuda as relações entre as palavras dentro

Leia mais

CONCORDÂNCIA VERBAL. Na concordância verbal, o verbo concorda em número e pessoa com o sujeito.

CONCORDÂNCIA VERBAL. Na concordância verbal, o verbo concorda em número e pessoa com o sujeito. CONCORDÂNCIA VERBAL Na concordância verbal, o verbo concorda em número e pessoa com o sujeito. TIPOS DE SUJEITO 1- SUJEITO SIMPLES: É aquele que apresenta apenas um núcleo significativo. Faltam seis minutos

Leia mais

Sujeito e predicado. Professora: Allana Rauana Almeida Cortez.

Sujeito e predicado. Professora: Allana Rauana Almeida Cortez. Sujeito e predicado Professora: Allana Rauana Almeida Cortez. O sujeito e o predicado são chamado de termos essenciais da oração por serem os dois termos que formam a estrutura básica das orações. É em

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA: REVISÃO DE TEXTO II

LÍNGUA PORTUGUESA: REVISÃO DE TEXTO II LÍNGUA PORTUGUESA: REVISÃO DE TEXTO II Prof. Francisco Platão Savioli ESTRUTURA SINTÁTICA DO PERÍODO SIMPLES (1) (TEMA 3) SUJEITO E PREDICADO Constituintes básicos da oração As chuvas sujeito provocaram

Leia mais

Bárbara da Silva. Português. Aula 55 Classificação do sujeito

Bárbara da Silva. Português. Aula 55 Classificação do sujeito Bárbara da Silva Português Aula 55 Classificação do sujeito Classificação do Sujeito O sujeito das orações da língua portuguesa pode ser determinado ou indeterminado. Existem ainda as orações sem sujeito.

Leia mais

Análise sintática: Sujeito

Análise sintática: Sujeito Análise sintática: Sujeito ANÁLISE SINTÁTICA Analisar sintaticamente uma oração significa dividi-la em partes e estudar a relação existente entre elas. Dessa forma, torna-se possível determinar a função

Leia mais

TERMOS ESSENCIAIS DA ORAÇÃO SUJEITO E PREDICADO

TERMOS ESSENCIAIS DA ORAÇÃO SUJEITO E PREDICADO TERMOS ESSENCIAIS DA ORAÇÃO SUJEITO E PREDICADO TERMOS ESSENCIAIS DA ORAÇÃO: são aqueles que não podem faltar, pois caso contrário, a oração deixa de existir. São eles: o SUJEITO e o PREDICADO. a) SUJEITO:

Leia mais

REVISÃO CONCEITOS GRAMATICAIS 9º ANO

REVISÃO CONCEITOS GRAMATICAIS 9º ANO REVISÃO CONCEITOS GRAMATICAIS 9º ANO Observe os exemplos... Marisa comprou um carro. São termos essenciais da oração: Sujeito É o termo da oração sobre quem se declara alguma coisa Predicado É tudo aquilo

Leia mais

TIPOS DE SUJEITO GRAMÁTICA

TIPOS DE SUJEITO GRAMÁTICA TIPOS DE SUJEITO GRAMÁTICA TIPOS DE SUJEITO SUJEITO SIMPLES As regras do sujeito simples e do composto são bem parecidas, mas não iguais! Possui apenas 1 núcleo; O núcleo do sujeito simples SÓ PODE SER:

Leia mais

Lista de exercícios de LP 2-7º ano

Lista de exercícios de LP 2-7º ano 1) Tipos de sujeito p. 77 2) Tipos de predicado p. 108 TIPOS DE SUJEITO Explique: Lista de exercícios de LP 2-7º ano Sujeito simples: É aquele que possui apenas um núcleo. Sujeito composto: É aquele que

Leia mais

SUJEITO: O QUE É? QUAIS SÃO SEUS TIPOS?

SUJEITO: O QUE É? QUAIS SÃO SEUS TIPOS? Aulas 33 à 36 Prof. Sabrina Moraes SUJEITO: O QUE É? QUAIS SÃO SEUS TIPOS? O sujeito é o termo da oração que realiza ou sofre com uma ação verbal, concordando com o verbo e nomeando o ser do qual se declara

Leia mais

SINTAXE DA ORAÇÃO E PERÍODO

SINTAXE DA ORAÇÃO E PERÍODO SINTAXE DA ORAÇÃO E PERÍODO Frase, oração e período. Frase: É o enunciado com sentido completo, capaz de fazer uma comunicação - Atenção! -Ontem choveu. - Cuidado! - A moça atravessava a rua. Nem toda

Leia mais

Lista de exercícios de LP 2-7º ano

Lista de exercícios de LP 2-7º ano 1) Tipos de sujeito p. 77 2) Tipos de predicado p. 108 TIPOS DE SUJEITO Explique: Sujeito simples: Sujeito composto: Sujeito desinencial/ oculto / elíptico: Sujeito indeterminado: É aquele que, embora

Leia mais

COLÉGIO DIOCESANO SERIDOENSE. Professora: Caliana Medeiros.

COLÉGIO DIOCESANO SERIDOENSE. Professora: Caliana Medeiros. COLÉGIO DIOCESANO SERIDOENSE Professora: Caliana Medeiros. PREDICAÇÃO VERBAL Em função da relação que os verbos estabelecem com outras palavras, podemos dividi-los de duas maneiras: verbos de ligação verbos

Leia mais

Regra geral de concordância verbal

Regra geral de concordância verbal Regra geral de concordância verbal O verbo concorda em número e pessoa com o seu sujeito. Há, entretanto, uma série de regras e exceções relativas a casos de concordância verbal, que devem ser examinadas

Leia mais

SUJEITO TIPOS DE SUJEITO

SUJEITO TIPOS DE SUJEITO Colégio Diocesano Seridoense Disciplina: Língua Portuguesa 9 ano Professora: Lusia Raquel SUJEITO TIPOS DE SUJEITO Caicó RN 2018 SUJEITO SIMPLES Sujeito simples: é aquele que possui apenas um núcleo,

Leia mais

Prof. André Moraes CONCORDÂNCIA VERBAL

Prof. André Moraes CONCORDÂNCIA VERBAL Prof. André Moraes CONCORDÂNCIA VERBAL O verbo concorda com o sujeito em número e pessoa. Exemplos: Eu saí da sala. Tu saíste da sala. Os alunos saíram da sala. Regras: 1) Quando o sujeito é composto,

Leia mais

1º Curso de Redação Josiene Duarte e Vinícius de Sousa Marina Luizato e Morgana Alves

1º Curso de Redação Josiene Duarte e Vinícius de Sousa Marina Luizato e Morgana Alves 1º Curso de Redação Josiene Duarte e Vinícius de Sousa Marina Luizato e Morgana Alves Quando bate uma saudade Vem quando bate uma saudade Triste, carregado de emoção Ou aflito quando um beijo já não arde

Leia mais

Professora Patrícia Lopes

Professora Patrícia Lopes Professora Patrícia Lopes É a junção entre a morfologia e a sintaxe. Trata-se de duas partes da gramática que apesar de estarem envolvidas entre si, constituem-se de particularidades distintas. A morfologia

Leia mais

Língua Portuguesa Oficial da Marinha

Língua Portuguesa Oficial da Marinha Língua Portuguesa Oficial da Marinha PROFº Jean Aquino www.concursovirtual.com.br 1 SINTAXE AULA 1: Frase, oração e período; introdução à análise sintática: o sujeito e suas classificações; o vocativo;

Leia mais

PORTUGUÊS SÉRIE: Pré-Vestibular SINTAXE 1. Profª Raquel Sampaio

PORTUGUÊS SÉRIE: Pré-Vestibular SINTAXE 1. Profª Raquel Sampaio PORTUGUÊS SÉRIE: Pré-Vestibular SINTAXE 1 Profª Raquel Sampaio LÍNGUA PORTUGUESA GRAMÁTICA SINTAXE 1 Profª. Raquel Freitas Sampaio É a parte da gramática que estuda as relações entre as palavras dentro

Leia mais

TERMOS ESSENCIAIS DA ORAÇÃO

TERMOS ESSENCIAIS DA ORAÇÃO TERMOS ESSENCIAIS DA ORAÇÃO SUJEITO: DEFINIÇÃO 1. Termo da oração sobre o qual se dá uma informação; 2. Elemento do qual se fala na oração; 3. O ser a quem se refere a informação verbal da oração; TIPOS

Leia mais

Lista 3 - Língua Portuguesa 1

Lista 3 - Língua Portuguesa 1 Lista 3 - Língua Portuguesa 1 Frase, oração e período; sujeito e predicado LISTA 3 - LP 1 - FRASE, ORAÇÃO E PERÍODO; SUJEITO E PREDICADO Frase, oração e período; sujeito e predicado Na fala ou na escrita,

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA GRAMÁTICA SINTAXE

LÍNGUA PORTUGUESA GRAMÁTICA SINTAXE LÍNGUA PORTUGUESA GRAMÁTICA SINTAXE 1 Profª. Raquel Freitas Sampaio É a parte da gramática que estuda as relações entre as palavras dentro de uma frase. Identifica e reconhece os constituintes sintáticos

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA GRAMÁTICA FRENTE B SINTAXE

LÍNGUA PORTUGUESA GRAMÁTICA FRENTE B SINTAXE LÍNGUA PORTUGUESA GRAMÁTICA FRENTE B SINTAXE 1 Profª. Raquel Freitas Sampaio É a parte da gramática que estuda as relações entre as palavras dentro de uma frase. Identifica e reconhece os constituintes

Leia mais

Estudo do sujeito. Professor Jailton

Estudo do sujeito. Professor Jailton Estudo do Professor Jailton Gêiser Fountain Eu Palavra Cantada Sujeito - É o elemento a respeito de quem se diz alguma coisa. - É o termo da oração sobre o qual incide a informação prestada pelo. Eu não

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA PROFª.: THAÍS

LÍNGUA PORTUGUESA PROFª.: THAÍS LÍNGUA PORTUGUESA PROFª.: THAÍS AULA 8 O VERBO E SEUS COMPLEMENTOS pág. 57 A ORAÇÃO E SUA ESTRUTURA BÁSICA Sujeito = o ser sobre o qual se declara alguma coisa. Predicado = o que se declara sobre o sujeito.

Leia mais

O verbo apresenta-se no plural, concordando com o sujeito que está no plural. Ex.: As nossas duas amigas italianas nos visitarão em julho.

O verbo apresenta-se no plural, concordando com o sujeito que está no plural. Ex.: As nossas duas amigas italianas nos visitarão em julho. CONCORDÂNCIA VERBAL CONCORDÂNCIA Concordância é a igualdade de gênero e número entre o substantivo e adjetivo, artigo, numeral, pronome e igualdade de número e pessoa entre o verbo e o sujeito. Ex.: Dois

Leia mais

Sujeito e Predicado. Exercício 01. Exercício 02. Exercício 03. Exercício 04. (UECE) Exerce função de sujeito o termo destacado em:

Sujeito e Predicado. Exercício 01. Exercício 02. Exercício 03. Exercício 04. (UECE) Exerce função de sujeito o termo destacado em: Sujeito e Predicado Português Professor: Erica Heredia Exercício 01 (UECE) Exerce função de sujeito o termo destacado em: a. O corpo me doía todo, a cabeça também b. mas tranquei a boca. c. o sujeito já

Leia mais

Concurseiro. Sinta-se a vontade para estudar conosco. Português Prof. Joaquim Bispo. O seu espaço de preparação para concursos públicos

Concurseiro. Sinta-se a vontade para estudar conosco. Português Prof. Joaquim Bispo. O seu espaço de preparação para concursos públicos Espaço do Concurseiro Sinta-se a vontade para estudar conosco Português Prof. Joaquim Bispo O seu espaço de preparação para concursos públicos 1 SINTAXE DA ORAÇÃO Aula 2 Sintaxe: é a parte da gramática

Leia mais

Nº da aula 02. Estudo da Sintaxe

Nº da aula 02. Estudo da Sintaxe Página1 Curso/Disciplina: Português para Concurso. Aula: Estudo da Sintaxe: Sujeito. Conceito; Classificações: sujeito determinado e indeterminado - 02 Professor (a): Rafael Cunha Monitor (a): Amanda Ibiapina

Leia mais

Cap. 5 Sujeito indeterminado e oração sem sujeito

Cap. 5 Sujeito indeterminado e oração sem sujeito Cap. 5 Sujeito indeterminado e oração sem sujeito Sujeito indeterminado Sujeito indeterminado é aquele que não é nomeado na oração, ou por não se querer nomeá-lo ou por se desconhecer quem pratica a ação.

Leia mais

PORTUGUÊS. aula Sintaxe Sujeito

PORTUGUÊS. aula Sintaxe Sujeito PORTUGUÊS aula Sintaxe Sujeito CONJUNTO DE PRECEITOS QUE CAUSAM A ORDEM E AS AFINIDADES DOS TERMOS NA FRASE. ANÁLISE DA ESTRUTURA GRAMATICAL DAS FRASES. Frase = Unidade de comunicação, com ou sem verbo,

Leia mais

CONCURSO IGP INSTITUTO GERAL DE PERÍCIAS 20 DICAS DE PORTUGUÊS

CONCURSO IGP INSTITUTO GERAL DE PERÍCIAS 20 DICAS DE PORTUGUÊS CONCURSO IGP INSTITUTO GERAL DE PERÍCIAS 20 DICAS DE PORTUGUÊS #1 20 DICAS DE PORTUGUÊS USO DOS PORQUÊS GRAFIA POR QUE PORQUE POR QUÊ PORQUÊ USO Substituível pelas expressões pelo(s) qual(s), pela(s) qual(s);

Leia mais

Professora Patrícia Lopes

Professora Patrícia Lopes Professora Patrícia Lopes É a junção entre a morfologia e a sintaxe. Trata-se de duas partes da gramática que apesar de estarem envolvidas entre si, constituem-se de particularidades distintas. A morfologia

Leia mais

TERMOS ESSENCIAIS DA ORAÇÃO: SUJEITO E PREDICADO A SUJEITO

TERMOS ESSENCIAIS DA ORAÇÃO: SUJEITO E PREDICADO A SUJEITO TERMOS ESSENCIAIS DA ORAÇÃO: SUJEITO E PREDICADO A SUJEITO É o termo da oração do qual se declara algo, por meio da ação verbal, e com o qual o verbo concorda. Aquela gritaria deixava-me tonta. Nós necessitamos

Leia mais

CONCORDÂNCIA VERBAL Ocorre quando o verbo se flexiona para concordar com seu sujeito. Regra Geral: O sujeito concordará o verbo em número e pessoa.

CONCORDÂNCIA VERBAL Ocorre quando o verbo se flexiona para concordar com seu sujeito. Regra Geral: O sujeito concordará o verbo em número e pessoa. CONCORDÂNCIA VERBAL Ocorre quando o verbo se flexiona para concordar com seu sujeito. Regra Geral: O sujeito concordará o verbo em número e pessoa. A orquestra tocou uma valsa longa. 3ª p. Singular 3ª

Leia mais

A morfologia divide as palavras em classes gramaticais; já a sintaxe estuda a função das palavras dentro de um contexto oracional.

A morfologia divide as palavras em classes gramaticais; já a sintaxe estuda a função das palavras dentro de um contexto oracional. Patrícia Lopes É a junção entre a morfologia e a sintaxe. Trata-se de duas partes da gramática que apesar de estarem envolvidas entre si, constituem-se de particularidades distintas. A morfologia divide

Leia mais

Sujeitos. Siene Alves Moreira Lucilene Eidna Faria. Faculdade Iseib BH Letras, 2º semestre/2013

Sujeitos. Siene Alves Moreira Lucilene Eidna Faria. Faculdade Iseib BH Letras, 2º semestre/2013 Sujeitos Siene Alves Moreira Lucilene Eidna Faria Faculdade Iseib BH Letras, 2º semestre/2013 Sujeitos Tipos de sujeitos: Sujeito simples Sujeito composto Sujeito indeterminado Sujeito inexistente O que

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA 7º Ano Ensino Fundamental

LÍNGUA PORTUGUESA 7º Ano Ensino Fundamental Leia o texto a seguir e responda ao que se pede. A professora passou a lição de casa: fazer uma redação com o tema Mãe só tem uma. No dia seguinte, cada aluno leu a sua redação. Todas mais ou menos dizendo

Leia mais

Odilei França. Este material é parte integrante do acervo do IESDE BRASIL S.A., mais informações

Odilei França. Este material é parte integrante do acervo do IESDE BRASIL S.A., mais informações Odilei França Graduado em Letras pela Fafipar. Graduado em Teologia pela Faculdade Batista. Professor de Língua Portuguesa para concursos públicos há 22 anos. Predicação verbal e sintaxe do período simples

Leia mais

Na aula anterior. Frase, oração e período. Sujeito e predicado. Sujeito inexistente

Na aula anterior. Frase, oração e período. Sujeito e predicado. Sujeito inexistente Tipos de sujeito Na aula anterior Frase, oração e período Sujeito e predicado Sujeito inexistente Localização do sujeito Pergunta ao verbo Nem sempre o sujeito inicia a oração (inversão ou posposição)

Leia mais

Sujeito Simples. Sujeito Composto antes do verbo O verbo vai para o plural concordando com o sujeito. 18/12/2009. Ele chegou tarde.

Sujeito Simples. Sujeito Composto antes do verbo O verbo vai para o plural concordando com o sujeito. 18/12/2009. Ele chegou tarde. Sujeito Simples O verbo concorda em número e pessoa com o sujeito. Ele chegou tarde. Nós voltaremos logo. Sujeito Composto antes do verbo O verbo vai para o plural concordando com o sujeito. Rafa e Edu

Leia mais

Sujeito. Estudo do sujeito. Como identificar o sujeito? 29/12/ É o elemento a respeito de quem se diz alguma coisa.

Sujeito. Estudo do sujeito. Como identificar o sujeito? 29/12/ É o elemento a respeito de quem se diz alguma coisa. Eu Palavra Cantada Estudo do Professor Jailton Gêiser Fountain Sujeito - É o elemento a respeito de quem se diz alguma coisa. - É o termo da oração sobre o qual incide a informação prestada pelo. Como

Leia mais

INTRODUÇÃO À SINTAXE DA LÍNGUA PORTUGUESA

INTRODUÇÃO À SINTAXE DA LÍNGUA PORTUGUESA INTRODUÇÃO À SINTAXE DA LÍNGUA PORTUGUESA FRASE, ORAÇÃO E PERÍODO FRASE: todo enunciado de sentido completo capaz de estabelecer comunicação. Pode ser nominal ou verbal. Nominal: não possui verbo Exemplos:

Leia mais

PROFESSORA PATRÍCIA TAVARES

PROFESSORA PATRÍCIA TAVARES PROFESSORA PATRÍCIA TAVARES 1. Verbo com sujeito simples O verbo concorda em número e pessoa, não interessando a posição. Ex.: Ele chegou tarde. 2. Sujeito composto antes do verbo a) o verbo vai para o

Leia mais

CURSO DELEGADO DE POLÍCIA CIVIL DO ESTADO DO PARÁ DATA 12/08/2016 DISCIPLINA PORTUGUÊS PROFESSOR RICARDO ERSE MONITOR LUCIANA FREITAS

CURSO DELEGADO DE POLÍCIA CIVIL DO ESTADO DO PARÁ DATA 12/08/2016 DISCIPLINA PORTUGUÊS PROFESSOR RICARDO ERSE MONITOR LUCIANA FREITAS CURSO DELEGADO DE POLÍCIA CIVIL DO ESTADO DO PARÁ DATA 12/08/2016 DISCIPLINA PORTUGUÊS PROFESSOR RICARDO ERSE MONITOR LUCIANA FREITAS AULA: 07 CONCORDÂNCIA Ementa Na aula de hoje serão abordados os seguintes

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA. Prof. Albert Iglésia

LÍNGUA PORTUGUESA. Prof. Albert Iglésia LÍNGUA PORTUGUESA Prof. Albert Iglésia 1 - Sujeito 2 - Predicado Essenciais 1 Complemento verbal 2 Complemento nominal 3 Agente da passiva Integrantes 1 Adjunto adverbial 2 Adjunto adnominal 3 Aposto Acessórios

Leia mais

MATERIAL N. 1 AULA 01 SUJEITO: OS PRIMEIROS DIAS DE PAZ SINTAXE DO PERÍODO SIMPLES NÚCLEO DO SUJEITO: DIAS CONCEITOS FUNDAMENTAIS SUJEITO COMPOSTO

MATERIAL N. 1 AULA 01 SUJEITO: OS PRIMEIROS DIAS DE PAZ SINTAXE DO PERÍODO SIMPLES NÚCLEO DO SUJEITO: DIAS CONCEITOS FUNDAMENTAIS SUJEITO COMPOSTO AULA 01 SINTAXE DO PERÍODO SIMPLES CONCEITOS FUNDAMENTAIS FRASE Frase é todo enunciado capaz de transmitir nossas idéias. Uma lua clara iluminava o céu. Socorro! ORAÇÃO É toda frase construída em torno

Leia mais

Aula 01 CONCORDÂNCIA VERBAL TEORIA (PARTE 1).

Aula 01 CONCORDÂNCIA VERBAL TEORIA (PARTE 1). Curso/Disciplina: Português para Concursos (Concordância Verbal) Aula: Português para Concursos (Concordância Verbal) - 01 Professor : André Moraes Monitor : Virgilio Frederich Aula 01 CONCORDÂNCIA VERBAL

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA. Professoras: Natália Oliveira e Natália Souza

LÍNGUA PORTUGUESA. Professoras: Natália Oliveira e Natália Souza LÍNGUA PORTUGUESA Professoras: Natália Oliveira e Natália Souza FRASE, PERÍODO E ORAÇÃO SÃO A MESMA COISA? FRASE Unidade de comunicação linguística, caracterizada [...] do ponto de vista comunicativo -

Leia mais

Há dois sintagmas essenciais: o sintagma nominal (SN), cujo núcleo é um nome ou palavra que seja equivalente; e o sintagma verbal (SV) cujo núcleo é

Há dois sintagmas essenciais: o sintagma nominal (SN), cujo núcleo é um nome ou palavra que seja equivalente; e o sintagma verbal (SV) cujo núcleo é Há dois sintagmas essenciais: o sintagma nominal (SN), cujo núcleo é um nome ou palavra que seja equivalente; e o sintagma verbal (SV) cujo núcleo é uma forma verbal. Existem também o sintagma adjetival

Leia mais

REVISÃO DA SINTAXE. Elementos da análise sintática Problemas de concordância verbal. Prof. Paola C. Buvolini Freitas

REVISÃO DA SINTAXE. Elementos da análise sintática Problemas de concordância verbal. Prof. Paola C. Buvolini Freitas REVISÃO DA SINTAXE Elementos da análise sintática Problemas de concordância verbal Prof. Paola C. Buvolini Freitas paolabuvolini@gmail.com PREPOSIÇÕES palavras invariáveis DE (do, da, dos, das) indica

Leia mais

CURSO TJMG Nível Médio Oficial de Apoio Judiciário Nº

CURSO TJMG Nível Médio Oficial de Apoio Judiciário Nº CURSO TJMG Nível Médio Oficial de Apoio Judiciário Nº DATA 14/06/2016 DISCIPLINA Português - Gramática PROFESSOR Ricardo Erse MONITOR Paula Moura AULA 01/07 Ementa 1 Concordância... 2 a) Concordância nominal:...

Leia mais

Concordância Verbal. É o estudo da flexão de número e pessoa que deve haver entre o verbo e o sujeito.

Concordância Verbal. É o estudo da flexão de número e pessoa que deve haver entre o verbo e o sujeito. Concordância Verbal Concordância Verbal É o estudo da flexão de número e pessoa que deve haver entre o verbo e o sujeito. O verbo sempre concorda com o sujeito simples em número e pessoa. O aluno veio

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA PEDRO HENRIQUE (PH)

LÍNGUA PORTUGUESA PEDRO HENRIQUE (PH) LÍNGUA PORTUGUESA PEDRO HENRIQUE (PH) TERMOS ESSENCIAIS DA ORAÇÃO SUJEITO Ser de quem se diz alguma coisa; ser ou coisa de que se declara algo. PREDICADO Aquilo que é dito em relação ao sujeito*; tudo

Leia mais

Português Professora Raquel 8ª série / 3º trimestre

Português Professora Raquel 8ª série / 3º trimestre Português Professora Raquel 8ª série / 3º trimestre 1. Assinale a concordância inadequada. Concordância do verbo Ser a) Aqui faz verões terríveis. b) Era três horas quando Pedro saiu. c) A maior parte

Leia mais

Revisão:Tipos de sujeito

Revisão:Tipos de sujeito Revisão:Tipos de sujeito Sujeito Simples: possui apenas um núcleo. Exemplos: - Deus é perfeito! - A cegueira lhe torturava os últimos dias de vida. Sujeito Composto: possui dois ou mais núcleos. Exemplos:

Leia mais

Português. Aula: 09/12. Prof. Felipe Oberg. Visite o Portal dos Concursos Públicos

Português. Aula: 09/12. Prof. Felipe Oberg.  Visite o Portal dos Concursos Públicos Português Aula: 09/12 Prof. Felipe Oberg UMA PARCERIA Visite o Portal dos Concursos Públicos WWW.CURSOAPROVACAO.COM.BR Visite a loja virtual www.conquistadeconcurso.com.br MATERIAL DIDÁTICO EXCLUSIVO PARA

Leia mais

Concordância Verbal. Professora Raysa Ferreira

Concordância Verbal. Professora Raysa Ferreira Concordância Verbal Professora Raysa Ferreira Conceito O verbo concorda com seu sujeito em número (singular e plural) e pessoa (1ª, 2ª e 3ª). Concordância verbal: Sujeito Simples 1) Os nomes, que apresentam

Leia mais

Bárbara da Silva. Português. Aula 22 Concordância verbal IV

Bárbara da Silva. Português. Aula 22 Concordância verbal IV Bárbara da Silva Português Aula 22 Concordância verbal IV Outros Casos 1) O Verbo e a Palavra "SE" Dentre as diversas funções exercidas pelo "se", há duas de particular interesse para a concordância verbal:

Leia mais

Português 3º ano João J. Concordância Verbal

Português 3º ano João J. Concordância Verbal Português 3º ano João J. Concordância Verbal Concordância Verbal Concordância do verbo com o sujeito composto I. Quando o sujeito composto estiver posicionado antes do verbo, este ficará no plural. Ex.:

Leia mais

AULAS 25 E 26 CONCORDÂNCIA

AULAS 25 E 26 CONCORDÂNCIA AULAS 25 E 26 CONCORDÂNCIA Chama-se concordância ao princípio linguístico segundo o qual o vocábulo determinante se adapta a certas categorias gramaticais do vocábulo determinado. TENDEU??? SIMPLES, NÉ?

Leia mais

Língua. Portuguesa. Concordância Verbal

Língua. Portuguesa. Concordância Verbal Língua Portuguesa Concordância Verbal Sujeito Simples *Restou? depois da aula muitas dúvidas. Sujeito Simples 1. Expressões partitivas e coletivos: A maior parte aderiu à greve. A maior parte dos funcionários

Leia mais

rase Profª.: Kalyne Varela Revorêdo

rase Profª.: Kalyne Varela Revorêdo rase Profª.: Kalyne Varela Revorêdo Crase É a fusão (junção) da preposição a exigida pela regência do verbo ou do nome mais o artigo definido a, os pronomes demonstrativos aquele(s), aquela(s), aquilo

Leia mais

CORREÇÃO DE ATIVIDADES DO CADERNO FOLHA DE PERGUNTAS SOBRE OS TIPOS DE SUJEITOS

CORREÇÃO DE ATIVIDADES DO CADERNO FOLHA DE PERGUNTAS SOBRE OS TIPOS DE SUJEITOS OLÉGIO IMACULADA CONCEIÇÃO 7º ano CORREÇÃO DE ATIVIDADES DO CADERNO FOLHA DE PERGUNTAS SOBRE OS TIPOS DE SUJEITOS 1) Quem é o sujeito de uma oração? Nas orações, o sujeito é um substantivo ou pronome com

Leia mais

Língua. Portuguesa. Sintaxe da Oração

Língua. Portuguesa. Sintaxe da Oração Língua Portuguesa Sintaxe da Oração Frase Oração Período Frase: Bom dia! Ele resolveu a questão. Oração: Ele resolveu a questão. Espero que ele resolva a questão. Frase Oração Período Período Simples:

Leia mais

Português. Sintaxe da Oração (Análise Sintática) Professor Carlos Zambeli.

Português. Sintaxe da Oração (Análise Sintática) Professor Carlos Zambeli. Português Sintaxe da Oração (Análise Sintática) Professor Carlos Zambeli www.acasadoconcurseiro.com.br Português SINTAXE DA ORAÇÃO (ANÁLISE SINTÁTICA) Frase: é o enunciado com sentido completo, capaz

Leia mais

Outros casos: 1) Partícula SE : a - Partícula apassivadora: b- Índice de indeterminação do sujeito:

Outros casos: 1) Partícula SE : a - Partícula apassivadora: b- Índice de indeterminação do sujeito: Outros casos: 1) Partícula SE : a - Partícula apassivadora: o verbo ( transitivo direto) concordará com o sujeito passivo. Ex.: Vende-se carro./ Vendem-se carros. b- Índice de indeterminação do sujeito:

Leia mais

Período simples: conceitos e exemplos

Período simples: conceitos e exemplos Período simples: conceitos e exemplos Frase é todo enunciado (palavra ou conjunto de palavras) que apresente sentido completo. Ei! Olá! Até logo. Oração é a frase ou fragmento de frase que contém um verbo

Leia mais

02/03/2014 MORFOLOGIA X SINTAXE

02/03/2014 MORFOLOGIA X SINTAXE MORFOLOGIA X SINTAXE 1 TRANSITIVIDADE VERBAL OU PREDICAÇÃO VERBAL 1- VERBOS NOCIONAIS (significativos) ação, fenômeno e movimento VI, VTD, VTI ou VTDI 2- VERBOS RELACIONAIS (não-significativos) estado,

Leia mais

I. Sujeito e predicado: termos essenciais?

I. Sujeito e predicado: termos essenciais? Nome Nº Ano Turma Ensino Gabarito 8º Fund. II Disciplina Professora Natureza Código / Tipo Data Português Claudia Material de Apoio 5 MA5 2º / 2012 24/04/2012 Tema Estudos linguísticos: termos essenciais

Leia mais

Obs: *Predicativo do sujeito Ex.: A situação parece perfeita. * Predicativo do objeto Ex.: Os presos acharam a comida péssima.

Obs: *Predicativo do sujeito Ex.: A situação parece perfeita. * Predicativo do objeto Ex.: Os presos acharam a comida péssima. Obs: *Predicativo do sujeito Ex.: A situação parece perfeita. * Predicativo do objeto Ex.: Os presos acharam a comida péssima. Termos essenciais 1) Sujeito: é o termo a respeito do qual se declara alguma

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA. Professora Rosane Reis. MÓDULO 11 Sintaxe IV

LÍNGUA PORTUGUESA. Professora Rosane Reis. MÓDULO 11 Sintaxe IV LÍNGUA PORTUGUESA Professora Rosane Reis MÓDULO 11 Sintaxe IV CONCORDÂNCIA VERBAL REGRA GERAL O verbo concorda em número e pessoa com o sujeito. Com sujeito simples e singular ou substantivo coletivo,

Leia mais

derrota: Vamos retomar o período simples do exemplo anterior e observar a classe gramatical e a função sintática da palavra Ele admitiu a derrota.

derrota: Vamos retomar o período simples do exemplo anterior e observar a classe gramatical e a função sintática da palavra Ele admitiu a derrota. Vamos retomar o período simples do exemplo anterior e observar a classe gramatical e a função sintática da palavra derrota: Ele admitiu a derrota. suj VTD função: núcleo do objeto direto classe: substantivo

Leia mais

ORDEM DIRETA DOS TERMOS DA ORAÇÃO

ORDEM DIRETA DOS TERMOS DA ORAÇÃO ORDEM DIRETA DOS TERMOS DA ORAÇÃO S V C ADJ. ADV. Simples Composto Oculto Indeterm. * oração sem sujeito VI VTD VTI VTDI VL *LV (verbo ser/estar + verbo no particípio) Ø OD OI OD + OI PS AG. da PASSIVA

Leia mais

Lembre-se: normalmente, o substantivo funciona como núcleo de um termo da oração, e o adjetivo, como adjunto adnominal.

Lembre-se: normalmente, o substantivo funciona como núcleo de um termo da oração, e o adjetivo, como adjunto adnominal. CONCORDÂNCIA NOMINAL A concordância nominal se baseia na relação entre um substantivo (ou pronome, ou numeral substantivo) e as palavras que a ele se ligam para caracterizá-lo (artigos, adjetivos, pronomes

Leia mais

ATENÇÃO! Material retirado da Internet, que eu considero de fonte segura e confiável. Os endereços estão no fim de cada assunto. TERMOS ESSENCIAIS DA ORAÇÃO Sujeito e Predicado Para que a oração tenha

Leia mais

PORTUGUÊS. Professor Nei Xavier

PORTUGUÊS. Professor Nei Xavier PORTUGUÊS Professor Nei Xavier EXERCÍCIOS DE CONCORDÂNCIA Concordância É a correspondência de flexão entre dois termos, dividem em: Concordância verbal o verbo concorda em número e pessoa com o sujeito.

Leia mais

Concordância e Regência Verbais

Concordância e Regência Verbais Concordância e Regência Verbais Enem 15 semanas 1. Para que se respeite a concordância verbal, será preciso corrigir a frase: a) Têm havido dúvidas sobre a capacidade do sistema de saúde cubano. b) Têm

Leia mais

REVISÃO. Profª Fernanda Machado

REVISÃO. Profª Fernanda Machado REVISÃO Profª Fernanda Machado O QUE É SINTAXE? É a parte da gramática que estuda as relações entre as palavras dentro de uma frase. O QUE DEVEMOS APRENDER? Identificar e reconhecer os constituintes sintáticos

Leia mais

Concordância Verbal. Prof. Cláudio Ribeiro

Concordância Verbal. Prof. Cláudio Ribeiro Concordância Verbal Regra Geral : O verbo concorda com o sujeito em pessoa e número. Exemplos: Realizou-se, em janeiro, visita à sede da empresa. Na ocasião, abordaram-se os aspectos financeiros, contábeis

Leia mais

Exercícios de múltipla escolha

Exercícios de múltipla escolha Exercícios de múltipla escolha 1-A classe gramatical da palavra alegria é: a-substantivo b-adjetivo c-advérbio d-pronome e-sujeito 2-A função sintática da palavra alegria é: a-predicado b-predicativo do

Leia mais

Crase é a fusão de duas vogais iguais: A + A. Para marcar sua ocorrência, usamos o acento grave (` ). Casos em que o acento aparece: a + as = às

Crase é a fusão de duas vogais iguais: A + A. Para marcar sua ocorrência, usamos o acento grave (` ). Casos em que o acento aparece: a + as = às Crase Crase é a fusão de duas vogais iguais: A + A. Para marcar sua ocorrência, usamos o acento grave (` ). Casos em que o acento aparece: a + as = às (preposição + artigo) a + aquela(s) = àquela(s) (preposição

Leia mais

Mapa Mental de Português Concordância Nominal

Mapa Mental de Português Concordância Nominal Mapa Mental de Português Concordância Nominal Mapas mentais de Portugês sobre concordância nominal. Mapa Mental de Português Concordância Verbal Diversos mapas mentais de Português sobre concordância verbal.

Leia mais

CLASSIFICAÇÃO DAS CONJUNÇÕES SUBORDINATIVAS

CLASSIFICAÇÃO DAS CONJUNÇÕES SUBORDINATIVAS CLASSIFICAÇÃO DAS CONJUNÇÕES SUBORDINATIVAS CAUSAIS Principais conjunções causais: porque, visto que, já que, uma vez que, como (= porque). Exemplos: - Não pude comprar o CD porque estava em falta. - Ele

Leia mais

Os casos especiais do sujeito composto: a) Quando o sujeito composto estiver antes do verbo, esse último ficará no plural.

Os casos especiais do sujeito composto: a) Quando o sujeito composto estiver antes do verbo, esse último ficará no plural. Os casos especiais do sujeito composto: a) Quando o sujeito composto estiver antes do verbo, esse último ficará no plural. Exemplo: Paola e Pedro gostaram do seu interesse em vender a casa. b) Quando o

Leia mais

Exemplos adicionais: CERVEJA É BOM. A CERVEJA É BOA. ENTRADA É PROIBIDO. A ENTRADA É PROIBIDA.

Exemplos adicionais: CERVEJA É BOM. A CERVEJA É BOA. ENTRADA É PROIBIDO. A ENTRADA É PROIBIDA. Exemplos adicionais: CERVEJA É BOM. A CERVEJA É BOA. ENTRADA É PROIBIDO. A ENTRADA É PROIBIDA. 11) Haja vista. Ex.: Haja vista os resultados. (invariável) Obs.: Admitem-se também duas outras construções.

Leia mais

PORTUGUÊS - SINTAXE (ESTUDO DIRIGIDO)

PORTUGUÊS - SINTAXE (ESTUDO DIRIGIDO) Instituto de Educação Infantil e Juvenil 9º ANO Outono, 2017. Londrina, de. Nome: Hora de início: PORTUGUÊS - SINTAXE (ESTUDO DIRIGIDO) ANTÔNIO VIEIRA Reproduzimos aqui um pequeno trecho do famoso Sermão

Leia mais

Português. Sujeito. Professor Arthur Scandelari.

Português. Sujeito. Professor Arthur Scandelari. Português Sujeito Professor Arthur Scandelari www.acasadoconcurseiro.com.br Português SUJEITO PARTE 1 1. (ESAF MPOG 2015) Quando, em 2001, Facundo Manes regressou a seu país, a Argentina, depois de concluir

Leia mais