Carrinho de Compras para Produtos com Venda Fracionada

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Carrinho de Compras para Produtos com Venda Fracionada"

Transcrição

1 Carrinho de Compras para Produtos com Venda Fracionada Farley Oliveira Piva 1, Michelli Silva 1 1 Universidade Presidente Antônio Carlos (UNIPAC) Barbacena, MG Brasil Abstract. This article aims to demonstrate techniques for handling products fractionated in a shopping cart for an e-commerce service. Resumo. Este artigo visa demonstrar técnicas de manipulação de produtos fracionados em um carrinho de compras de uma página de comércio eletrônico. 1. Introdução O comércio eletrônico e suas ferramentas vem evoluindo e se especificando cada dia mais, disponibilizando aos usuários um ambiente de compras interativo e versátil. Apesar disto, determinados tipos de produtos enfrentam uma resistência maior quanto a sua comercialização pela internet devido a sua especificidade ou despadronização, como é o caso de roupas, calçados e acessórios. Outro produto de incomum comercialização é a pizza. Pelo fato deste poder ter tamanhos diferentes e quantidades fracionadas, a ferramenta de venda precisa tratar este tipo de produto de forma específica, pois se diferencia da maioria dos produtos comercializados pela internet. Este artigo abordará o mercado das pizzarias: mercado que atrai milhões de consumidores no Brasil. possui como um dos pilares o sistema delivery. possui todas as características comercias para ter sucesso no comércio eletrônico. há uma grande carência de ferramentas específicas para poder vender através da internet. 2. Mercado No Brasil, segundo a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes Abrasel, o setor de alimentação é responsável por um milhão de empreendimentos, que geram emprego e renda para aproximadamente seis milhões de pessoas. O segmento de Pizzarias é responsável somente em São Paulo, por seis mil pizzarias. Outros seis mil estabelecimentos, como padarias e lanchonetes, também

2 produzem e vendem pizzas. Doze mil pizzaiolos, sessenta mil entregadores motorizados, e cerca de cem mil pessoas são empregadas pela cadeia de produção da tradicional iguaria para atender um consumo de um milhão de pizzas por dia na cidade de São Paulo.[SEBRAE ] Trata-se de um mercado em expansão e bastante pulverizado, que movimenta R$ 18 bilhões no Brasil. A maior parte das pizzarias trabalha com o atendimento telefônico tradicional e possuem a estrutura necessária para trabalhar com lojas virtuais, como acesso a internet e funcionários que efetuam as entregas em domicílio. Poucas são as pizzarias que possuem lojas virtuais ou mesmo um site de divulgação e, as pizzarias que possuem um sistema de comércio eletrônico, estes, na maioria das páginas visitadas, não permitiam ao cliente ter a mesma maleabilidade para a realização de um pedido se comparado a quando estamos fazendo um pedido pessoalmente na pizzaria ou pelo telefone, o que desestimula o cliente a utilizar a ferramenta eletrônica. [Locaweb ] e [Dotstore ], duas das maiores empresas que atuam no suporte ao comércio eletrônico, oferecem páginas pré-configuradas e de fácil utilização - solução muito viável para pequenas e médias empresas - não oferecem uma forma satisfatória de se parametrizar produtos de tamanhos e preços diferentes, assim como quantidades fracionadas. 3. E-Commerce O comércio eletrônico ou e-commerce é a compra e venda de mercadorias ou serviços por meio da Internet, onde as chamadas Lojas Virtuais oferecem seus produtos e formas de pagamento online. O comércio eletrônico é um meio facilitador dos negócios, tornando o processo de venda fácil, seguro, rápido e transparente, reduzindo os custos das empresas que atuam neste segmento e estimulando a competitividade. Figura 1. e-commerce no Brasil Faturamento anual

3 Segundo um relatório elaborado pela ONU, até o final do ano o mundo ultrapassará a marca de dois bilhões de usuários de internet, quase um terço do total de habitantes no globo. O número de pessoas conectadas dobrou nos últimos cinco anos. Do total dos 226 milhões de novos usuários, 162 milhões pertencem a países em desenvolvimento como o Brasil [E-COMMERCE NEWS ]. Business-to-Consumer (B2C), como explicita [SENA - 03/06/2008], é uma relação de venda composta por todos os consumidores que adquirem bens e serviços para uso próprio ou domiciliar, isto é, não existe objetivo comercial para o que adquiriram. É a forma de e-commerce que conecta empresa com consumidores, mais relacionada com as áreas de varejo e comércio direto onde o consumidor final é o alvo que se busca através da Internet. Sob o ponto de vista administrativo, permite que as organizações sejam mais eficientes e flexíveis em suas operações internas, trabalhando mais próximo de seus fornecedores e, ao mesmo tempo, permite que ela seja mais ágil às necessidades e expectativas de seus clientes (ou potenciais clientes). As empresas devem ter sistemas de relacionamento com o cliente (CRM) automatizados a de, continuamente, convidar os seus clientes a visitar sua loja eletrônica. O CRM irá identificar o perfil dos clientes e auxiliar a prospectar novos clientes, promover ações de Marketing, promoções de novos produtos/serviços, entre outras ações. No e-commerce, o carrinho de compras é um ponto chave para o sucesso. Pode ser o lugar onde o cliente fecha o negócio ou desiste dele. Em termos de desenvolvimento, o carrinho é um conjunto de programas que permitem ao usuário comprar [PAGSEGURO ]. 4. Soluções encontradas 4.1. Cadastro dos Produtos O cadastro de produtos será responsável por armazenar todas as informações pertinentes aos produtos, deste a descrição ao peso. [MARTINI ] trata o cadastro de produtos como arrays, provavelmente lendo-os, em tempo de execução, de um banco de dados e, a partir daí, manipulará estes registros conforme necessidade. Além disto, o cadastro do produto contempla apenas os campos código, artista, álbum e preço, que são características do produto que está sendo comercializado, neste caso, cds de música. [SILVA ] cria o cadastro de produtos apenas com os campos código, nome e preço, diminuindo ainda mais o leque de produtos que podem ser comercializados utilizando estas características. Para o carrinho proposto, o cadastro de produtos deverá possuir, além dos campos tradicionais, um campo responsável por indicar se o produto pode ser comercializado de forma fracionada ou não. Em tempo de execução, quando houver necessidade de se obter informações de produtos, este será feito diretamente no banco de dados. Desta forma, alterações em preços ou estoque não correrão o risco de ficar momentaneamente desatualizadas, o que pode ocorrer no carrinho proposto por [MARTINI ].

4 4.2. Cadastro dos Produtos no Carrinho de Compras O carrinho de compras, de modo figurado, é o local em que os produtos escolhidos pelo cliente ficarão salvos temporariamente. [MARTINI ] salva todas as informações dos produtos adicionados ao carrinho utilizando a técnica de sessão, que é uma variável existente em tempo de execução da página de internet. As sessões também são utilizadas para guardar informações de login de usuários. [SILVA ] também utiliza a técnica de sessão, porém, além de salvar as informações do produto, também salva a identificação da sessão do usuário, que facilita a identificação dos produtos do mesmo. No carrinho proposto, os produtos do carrinho também serão salvos em sessões, assim como as informações do usuário, até que o pedido seja finalizado e, a partir daí, as informações serão descarregadas no banco de dados. A proposta é desenvolver funções de inserção de produtos no carrinho de compras; alteração da quantidade; alteração do tamanho de produtos; exclusão de produtos; validação do pedido ao término da adição de produtos no carrinho a de garantir que produtos fracionados formem uma unidade inteira Finalizando o Pedido Na finalização, [MARTINI ] dispara um com todas as informações do pedido que foi efetuado para o responsável pela página e, logo após, elimina as informações da sessão. Devido ao objetivo do artigo [SILVA ] não tratou a finalização do pedido. Como o carrinho de compras trabalha em âmbito comercial, a prática de [MARTINI ] não é recomendada pois, com exceção dos s disparados, não há registro algum das compras realizadas pelo site, informações de clientes, valores faturados, possibilidade de consultas futuras, entre outras informações importantes para o varejista. A proposta para o encerramento do pedido é descarregar as informações alocadas dinamicamente nas sessões em um banco de dados, juntamente com os dados do cliente, possibilitando ao consumidor acompanhar o processo de entrega do pedido, ou até seu cancelamento. Além disto, o lojista terá todo o histórico das movimentações realizadas pelo site. 5. Projeto O sistema proposto utiliza a linguagem PHP, que significa Hypertext Preprocessor. É uma linguagem de programação de computadores interpretada, livre e muito utilizada para gerar conteúdo dinâmico na World Wide Web[WIKIPEDIA ]. Esta será utilizada para a manipulação do carrinho de compras, juntamente com suas funções e necessita de um banco de dados com duas tabelas básicas aonde nelas estarão contidas as informações necessárias para a correta utilização dos produtos.

5 5.1. Banco de Dados Tabela Produtos Esta tabela se refere ao cadastro dos produtos e possui como campos básicos: código do produto chave primária nome do produto nome sucinto do produto descrição composição dos ingredientes ou descrição detalhada fracionado indicação se o produto é ou não fracionado tempo_preparo tempo necessário (em minutos) para produzir o produto Tabela Tamanhos Esta tabela se refere aos tamanhos dos produtos e possui como campos básicos: código chave primária código do produto chave estrangeira da tabela Produtos tamanho descrição sucinta do tamanho valor valor do referido tamanho Modelagem Figura 2. DER Diagrama Entidade - Relacionamento 5.2. Sessões No PHP, as sessões são métodos de manter (ou preservar) determinados dados e mantêlos ativos enquanto o navegador do cliente (o internauta) estiver aberto, ou enquanto a sessão não expirar.isso permite a criação de aplicações mais personalizadas e aumenta o apelo do seu web site.[flavia ] A proposta para a criação das sessões consiste na seguinte estrutura de array: variável SESSAO[usuário] ->nome do usuário ->id variável SESSAO[produto][0] ->identificação do produto

6 ->tamanho ->quantidade variável SESSAO[produto][1] Funções ->identificação do produto ->tamanho ->quantidade Para manipulação do carrinho, são utilizadas 4 funções Adicionar Produto Esta função é responsável por adicionar à sessão do carrinho de compras as informações do produto selecionado: função adicionar_produto(id, tamanho, quantidade) T recebe o tamanho do array produto variável SESSAO[produto][T][identificação do produto] = id variável SESSAO[produto][T][tamanho] = tamanho variável SESSAO[produto][T][quantidade] = quantidade Excluir Produto Esta função é responsável por excluir um produto da sessão do carrinho de compras: função remover_produto(nome,tamanho,quantidade) faça P percorrer todo o array produto se SESSAO[produto][P][nome] = nome E SESSAO[produto][P][tamanho] = tamanho E SESSAO[produto][P][quantidade] = quantidade então apagar SESSAO[P][posição];

7 Alterar Produto Esta função é responsável por alterar o tamanho e quantidade de um produto na sessão do carrinho de compras: função remover_produto(nome,tamanho,quantidade,novo tamanho, nova quantidade) faça P percorrer todo o array produto se SESSAO[produto][P][nome] = nome E SESSAO[produto][P][tamanho] = tamanho E SESSAO[produto][P][quantidade] = quantidade então SESSAO[produto][posição][tamanho] = novo tamanho SESSAO[produto][posição][quantidade] = nova quantidade Validar Carrinho Esta função é responsável por validar as informações contidas no carrinho de compras e calcular o tempo para entrega. função fecha_pedido() faça P percorrer todo o array produto Q recebe 0 Se SESSAO[produto][P][quantidade] = 0.5 faça P2 percorrer todo o array produto se SESSAO[produto][P][tamanho] = SESSAO[produto][P2][tamanho] Q recebe Q mais SESSAO[produto][P2][quantidade] se Q não for um valor inteiro então

8 retorne SESSAO[produto][P2][nome]; TEMPO_ENTREGA recebe a soma dos tempos de preparo dos produtos dos pedidos em aberto dividido pela capacidade do forno da pizzaria retorne TEMPO_ENTREGA Após a validação do carrinho, o pedido pode ser aberto e as informações salvas em um banco de dados. 6.Segurança Ameaças a nossa segurança tornaram-se quase uma rotina nos dias de hoje, portanto, era de se esperar que, no ambiente da Internet, isso não fosse diferente. Assim como no mundo real, onde temos de trancar as portas e janelas de nossa casa, colocar grades, alarmes e tomar inúmeros outros cuidados, no ambiente virtual também temos de nos proteger de ocorrências como a clonagem do site, o roubo de senhas, o acesso a informações sigilosas trocadas entre o site e o visitante, entre outras. Alguns dos métodos existentes para aumentar a segurança nas transações on-line serão explicados. A certificação. Uma questão importantíssima para o usuário é ter certeza de que ele está transacionando com a loja correta, ou seja, não está trocando informações com o clone de um site conhecido. Para isso, existe o processo de certificação, no qual empresas conhecidas como autoridades certificadoras desempenham papel semelhante ao do nosso velho e conhecido cartório de registro. Elas vão certificar a identidade do servidor, isto é, vão garantir aos visitantes de seu site que ele é realmente o que eles pensam que é. Existe um processo complexo de troca de chaves pública e privada por trás da certificação, mas o que o usuário vê é um selo que atesta a identidade do site e garante que ele está trocando informações com a empresa correta. Ao clicar no selo, o visitante pode conferir se os dados do certificado, como nome da empresa, endereço completo, URL, conferem com os do site que ele está visitando. A certificação pode ser obtida diretamente da autoridade certificadora, ou indiretamente pelo seu fornecedor de hospedagem, que vai estender essa facilidade a todos os sites hospedados em seu servidor. Essa é a situação mais comum, tendo em vista que uma certificação não é um investimento barato para uma pequena empresa. A encriptação de dados. A encriptação, ou cifração, é o uso de uma tecnologia de segurança que protege a privacidade das informações trocadas entre o site e o visitante. O sistema embaralha as informações de forma que, se um terceiro conseguir acesso aos dados, eles estarão truncados, não podendo, portanto, ser utilizados. De forma simplificada, o processo funciona da seguinte maneira: o servidor cifra a mensagem utilizando uma chave de segurança (chave pública) que só poderá ser aberta pelo visitante, o qual também utilizará uma chave de segurança (chave privada), sendo todo esse processo instantâneo e transparente para o usuário.

9 Segurança nas transações com cartão de crédito. O cartão, que é o meio mais prático de pagamento no e-commerce, também é o que desperta maior receio por parte do consumidor on-line. O risco de expor os dados do cartão a terceiros é a grande preocupação de muitos clientes que, mesmo possuindo o cartão, preferem fazer pagamentos usando o boleto bancário, o que demanda mais trabalho para quem compra e para quem vende, além de resultar em maior demora na entrega da mercadoria adquirida. As administradoras de cartão vêm aprimorando os sistemas de segurança da informação no processo de pagamento on-line, de forma a tornar o uso do cartão o mais seguro possível, o que é plenamente justificável, uma vez que a segurança na Internet é fundamental para maior confiança do consumidor nas compras on-line e, consequentemente, para o lucro dessas empresas nesse novo canal de comercialização. Anteriormente, era um fator crítico de segurança o fato de as lojas virtuais armazenarem em seus sistemas o número do cartão dos clientes, visto que isso aumentava exponencialmente os riscos de acesso indevido a essa informação. Já no sistema atual, o número do cartão não fica em poder do lojista. O cliente digita o número e a data de validade de seu cartão através de uma interface segura com a administradora do cartão, e esses dados não são fornecidos à loja. Uma novidade, implantada recentemente pela operadora Visanet, é o chamado sistema VBV, que, no momento da compra, cria mais um patamar de segurança ao levar o comprador à página do banco emissor para autenticação por meio de uma senha. É provável que, da mesma forma que não temos um mundo 100% seguro, nunca tenhamos uma internet 100% segura. No entanto, se cada lojista se preocupar com a segurança de sua loja virtual e tomar medidas preventivas como as abordadas aqui, minimizará bastante os riscos, levando-os para um nível plenamente aceitável [DAILTON FELIPINI]. 7. Conclusão O grande crescimento do comércio eletrônico se deve, principalmente, à mudança de hábito das pessoas, que trocam a tradicional compra em lojas físicas por lojas virtuais. Dentre os fatores que impulsionaram essa mudança de hábitos pode-se destacar a conveniência da compra on-line, principalmente nas grandes cidades e locais afastados dos centros distribuidores, e ao custo-benefício, já que na maioria dos casos os preços dos produtos adquiridos via Internet são mais baratos que os preços praticados nas lojas convencionais. A solução apresentada tem como intuito propor uma solução viável, de forma ágil e simples, a um nicho de mercado que atualmente é pouco explorado e pode vir a ser bastante utilizado comercialmente. 8. Referências MARTINI, Júlio César. (2004) Carrinho de compras simples: usando arrays e sessions. Disponível em:

10 rays_e_sessions_parte_01/. Visitado em 14 de Abril de SILVA, Carlos. (2007) Carrinho de compras com PHP e MySQL. Disponível em: Visitado em 14 de Abril de PAGSEGURO. (2009) Carrinho de compras: elemento fundamental para o sucesso. Disponível em: Visitado em 19 de Abril de OLIVEIRA, Roberto de Jesus. (2010) Evite a síndrome do carrinho de compra abandonado. Disponível em: de_compra_abandonado/. Visitado em 04 de Maio de WIKIPÉDIA. (2010) Comércio eletrônico. Disponível em: Visitado em 9 de Outubro de SEBRAE. (2010) Ideias de Negócio - Pizzaria. Disponível em: id=dd3da510fe79b74c ff3f0&rs=pizzaria&campo=impneg. Visitado em 10 de Novembro de FLAVIA. (2010) Trabalhando com Sessões. Disponível em: Visitado em 10 de Novembro de E-COMMERCE NEWS. (2010) 2010 fechará com mais de dois bilhões de usuários de internet. Disponível em: Visitado em 10 de Novembro de SENA, V. (03/06/2008) Como devem atuar as empresas de aplicações de e-commerce b2c?. Disponível em: Visitado em 10 de Novembro de WIKIPÉDIA 2. (2010) PHP Disponível em: Visitado em 10 de Novembro de LOCAWEB. DOTSTORE. DAILTON FILIPINE. (2010) Segurança em e-commerce. Disponível em: Visitado em 12 de Dezembro de 2010.

Pagamento On line. Meios de pagamento nas lojas virtuais

Pagamento On line. Meios de pagamento nas lojas virtuais Comércio Eletrônico Professor: Anderson D. Moura Pagamento On line Setembro, 2008 Uma decisão importante a ser tomada pelo lojista virtual, refere-se aos meios de pagamento que serão disponibilizados aos

Leia mais

E-COMMERCE: DIFERENCIAL NO MERCADO

E-COMMERCE: DIFERENCIAL NO MERCADO E-COMMERCE: DIFERENCIAL NO MERCADO Antonio Donizete Lemes (Docente das Faculdades Integradas de Três Lagoas-AEMS) e-mail: lemesad@ig.com.br Desireé de Castro Perecin (Discente do 4º ano do curso de Administração

Leia mais

Proposta Loja Virtual. Schmitt Tricot

Proposta Loja Virtual. Schmitt Tricot Proposta Loja Virtual Schmitt Tricot Apresentação: Atualmente atuo no mercado de sites e lojas virtuais desde 2010, desenvolvendo novas ideias, trabalhando com agilidade, para sempre atender a todas as

Leia mais

apresentação iagente shop

apresentação iagente shop apresentação iagente shop Rua Sport Clube São José, 54 506. Porto Alegre Rio Grande do Sul CEP: 91030-510 Fone: (51) 3398.7638 e-mail: www.iagenteshop.com.br www.iagente.com.br Data: 01 de Abril de 2009

Leia mais

GANHE DINHEIRO FACIL GASTANDO APENAS ALGUMAS HORAS POR DIA

GANHE DINHEIRO FACIL GASTANDO APENAS ALGUMAS HORAS POR DIA GANHE DINHEIRO FACIL GASTANDO APENAS ALGUMAS HORAS POR DIA Você deve ter em mente que este tutorial não vai te gerar dinheiro apenas por você estar lendo, o que você deve fazer e seguir todos os passos

Leia mais

Layout : Este layout desenvolvido com html5 e css3 e compatível com qualquer dispositivo, ou seja, ele se molda para qualquer resolução, tablet,

Layout : Este layout desenvolvido com html5 e css3 e compatível com qualquer dispositivo, ou seja, ele se molda para qualquer resolução, tablet, Loja Online Smart Ecommerce completo, com layout responsivo Administrador online, conexão com Facebook, Correios e PagSeguro. Oferecemos a personalização do layout e das cores, logo, informações sobre

Leia mais

Aplicação Web para comércio eletrônico institucional Guilherme CORRÊA¹; Thiago DIAS².

Aplicação Web para comércio eletrônico institucional Guilherme CORRÊA¹; Thiago DIAS². Aplicação Web para comércio eletrônico institucional Guilherme CORRÊA¹; Thiago DIAS². ¹Estudante do curso Análise e Desenvolvimento de sistemas. Instituto Federal de Minas Gerais campus Bambuí. Rod. Bambuí

Leia mais

Documentação. Programa de Evolução Contínua Versão 1.72

Documentação. Programa de Evolução Contínua Versão 1.72 Documentação Programa de Evolução Contínua Versão 1.72 Sumário Resumo das Novidades... 3 Configuração das Novidades... 5 Exibição de variações nas listagens... 5 Novo Sistema de Lista de Desejos... 7 Resumo

Leia mais

Nas áreas urbanas, 44% da população está conectada à internet. 97% das empresas e 23,8% dos domicílios brasileiros estão conectados à internet.

Nas áreas urbanas, 44% da população está conectada à internet. 97% das empresas e 23,8% dos domicílios brasileiros estão conectados à internet. Algumas pesquisa realizada recentemente, revelaram resultados surpreendentes sobre o uso da Internet nas empresas no Brasil. Neste artigo interpreta alguns dados e lhe revela as soluções que podem ajudar

Leia mais

Você sabia que... O pagamento numa loja virtual. Guia #6 Como as formas de pagamento podem interferir nas minhas vendas

Você sabia que... O pagamento numa loja virtual. Guia #6 Como as formas de pagamento podem interferir nas minhas vendas Guia #6 Como as formas de pagamento podem interferir nas minhas vendas Você sabia que... Hoje, 77% dos brasileiros já utilizam cartão de crédito, aponta estudo do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil)

Leia mais

Guia Prático do Usuário Sistema e-commerce e Portal

Guia Prático do Usuário Sistema e-commerce e Portal Guia Prático do Usuário Sistema e-commerce e Portal 29/11/2012 Índice ÍNDICE... 2 1. APRESENTAÇÃO... 3 2. O QUE É E-COMMERCE?... 4 3. LOJA FOCCO... 4 4. COMPRA... 13 5. E-MAILS DE CONFIRMAÇÃO... 14 6.

Leia mais

e-commerce Deyglom Moreira Franz Magpantay Ricardo Perez

e-commerce Deyglom Moreira Franz Magpantay Ricardo Perez e-commerce Deyglom Moreira Franz Magpantay Ricardo Perez "As projeções de crescimento do e- commerce para 2010 são grandes, atingindo em 2009 a marca de R$ 10,5 bilhões no Brasil." Fonte: ReadWriteWeb

Leia mais

Manual do Usuário Cyber Square

Manual do Usuário Cyber Square Manual do Usuário Cyber Square Criado dia 27 de março de 2015 as 12:14 Página 1 de 48 Bem-vindo ao Cyber Square Parabéns! Você está utilizando o Cyber Square, o mais avançado sistema para gerenciamento

Leia mais

Como inovar e conquistar novas vendas e novos compradores. Marcos Cavagnoli CEO + Co-Founder da Koin

Como inovar e conquistar novas vendas e novos compradores. Marcos Cavagnoli CEO + Co-Founder da Koin Como inovar e conquistar novas vendas e novos compradores Marcos Cavagnoli CEO + Co-Founder da Koin BATE-PAPO Números do E-commerce Brasileiro Sobre o faturamento: R$ 49,8 bilhões em 2015 (crescimento

Leia mais

ÍNDICE 1 Introdução 3 2 Principais Recursos 4 3 Segurança 4 4 Roubo/Estravio do cartão MerchCard 4 5 Noções Gerais para o Uso do Sistema 5

ÍNDICE 1 Introdução 3 2 Principais Recursos 4 3 Segurança 4 4 Roubo/Estravio do cartão MerchCard 4 5 Noções Gerais para o Uso do Sistema 5 BENTO GONÇALVES Julho de 2005 ÍNDICE 1 Introdução 3 2 Principais Recursos 4 3 Segurança 4 4 Roubo/Estravio do cartão MerchCard 4 5 Noções Gerais para o Uso do Sistema 5 5.1 Para acessar o sistema 5 5.2

Leia mais

Prévia Apresentação. A E-Assis atua no mercado há mais de 10 anos e conta com mais de 1.000 clientes satisfeitos com as soluções web desenvolvidas.

Prévia Apresentação. A E-Assis atua no mercado há mais de 10 anos e conta com mais de 1.000 clientes satisfeitos com as soluções web desenvolvidas. Prévia Apresentação Um pouco mais sobre a E-Assis A E-Assis atua no mercado há mais de 10 anos e conta com mais de 1.000 clientes satisfeitos com as soluções web desenvolvidas. Nosso objetivo é fazer com

Leia mais

LSoft SGC Gestão Empresarial

LSoft SGC Gestão Empresarial LSoft SGC Gestão Empresarial O LSoft SGC é um sistema de gestão dinâmico, eficiente e flexível idealizado para atender diversos segmentos de indústrias, comércios e serviços. O objetivo principal é tornar

Leia mais

O QUE PRECISAMOS SABER PARA IMPLANTAR UM COMÉRCIO ELETRÔNICO BEM SUCEDIDO

O QUE PRECISAMOS SABER PARA IMPLANTAR UM COMÉRCIO ELETRÔNICO BEM SUCEDIDO O QUE PRECISAMOS SABER PARA IMPLANTAR UM COMÉRCIO ELETRÔNICO BEM SUCEDIDO CONCEITUAÇÃO Comércio Eletrônico (E-Commerce provém de Electronic Commerce ) - termo usado para identificar um sistema comercial

Leia mais

Loja virtual. Integração com todos os meios de pagamento

Loja virtual. Integração com todos os meios de pagamento Loja virtual Integração com todos os meios de pagamento Loja virtual Mobile mais conforto e praticidade para fazer suas compras O que você acha de estar perto do seu cliente em qualquer lugar, no computador,

Leia mais

T2Ti Tecnologia da Informação Ltda T2Ti.COM http://www.t2ti.com Projeto T2Ti ERP 2.0. Bloco Comercial. Vendas, Loja Virtual e Gestão de Comissões

T2Ti Tecnologia da Informação Ltda T2Ti.COM http://www.t2ti.com Projeto T2Ti ERP 2.0. Bloco Comercial. Vendas, Loja Virtual e Gestão de Comissões Bloco Comercial Vendas, Loja Virtual e Gestão de Comissões Objetivo O objetivo deste artigo é dar uma visão geral sobre os Módulos Vendas, Loja Virtual e Gestão de Comissões, que se encontram no Bloco

Leia mais

Manual de Instalação, Administração e Uso do Sistema Elétric

Manual de Instalação, Administração e Uso do Sistema Elétric Manual de Instalação, Administração e Uso do Sistema Elétric Versão 1.0 Autores Bruna Cirqueira Mariane Dantas Milton Alves Robson Prioli Nova Odessa, 10 de Setembro de 2013 Sumário Apoio 1. Licença deste

Leia mais

MANU AL DO COMPRADOR

MANU AL DO COMPRADOR MANUAL DO COMPRADOR Conhecendo o Vale Transporte Eletrônico O que é o Vale Transporte Eletrônico? O vale-transporte é um benefício definido pela Lei Federal nº 7.418/85 e Lei Federal 7.619/87 oferecido

Leia mais

BIBLIOTECA NACIONAL RDA

BIBLIOTECA NACIONAL RDA BIBLIOTECA NACIONAL RDA Sumário O que é a Biblioteca Nacional RDA?... Página 3 O que são as Chaves RD e Chaves RDA?... Página 5 Como efetuar a pesquisa de um curso ou certificado?... Página 6 Registro

Leia mais

O Novo Portal Etilux também foi criado para ser um facilitador para nossa Força de Vendas, abrangendo as seguintes características:

O Novo Portal Etilux também foi criado para ser um facilitador para nossa Força de Vendas, abrangendo as seguintes características: INTRODUÇÃO: O Novo Portal Etilux também foi criado para ser um facilitador para nossa Força de Vendas, abrangendo as seguintes características: Ser uma alternativa para substituição dos volumosos e pesados

Leia mais

Tutorial do Usuário para utilização do Magento e commerce

Tutorial do Usuário para utilização do Magento e commerce Tutorial do Usuário para utilização do Magento e commerce Sumário Introdução...3 Página inicial (Home Page)...3 Criar uma conta ou Entrar (Login)...4 Criar uma Conta...5 Entrar (Login)...6 Minha Conta...7

Leia mais

Dicas Logycware Utilizando o E-commerce vinculado ao Gestor Comercial. Copyright Logycware Sistemas de Informática 2011 Todos os Direitos Reservados

Dicas Logycware Utilizando o E-commerce vinculado ao Gestor Comercial. Copyright Logycware Sistemas de Informática 2011 Todos os Direitos Reservados 1 Dicas Logycware Utilizando o E-commerce vinculado ao Gestor Comercial Copyright Logycware Sistemas de Informática 2011 Todos os Direitos Reservados 2 Sumário Tutorial de Utilização do Gestor e-commerce...

Leia mais

MARKETING NA INTERNET

MARKETING NA INTERNET MARKETING NA INTERNET HUGO HOCH CONSULTOR DE MARKETING ER. BAURU SEBRAE-SP hugoh@sebraesp.com.br Marketing na Internet O que é? o Marketing na Internet, também referido como: i-marketing, web marketing,

Leia mais

Programação Orientada a Objetos com PHP & MySQL Cookies e Sessões. Prof. MSc. Hugo Souza

Programação Orientada a Objetos com PHP & MySQL Cookies e Sessões. Prof. MSc. Hugo Souza Programação Orientada a Objetos com PHP & MySQL Cookies e Sessões Prof. MSc. Hugo Souza Se você precisar manter informações sobre seus usuários enquanto eles navegam pelo seu site, ou até quando eles saem

Leia mais

Sistemas de Produtividade

Sistemas de Produtividade Sistemas de Produtividade Os Sistemas de Produtividade que apresentaremos em seguida são soluções completas e podem funcionar interligadas ou não no. Elas recebem dados dos aplicativos de produtividade,

Leia mais

Segurança em Comércio Eletrônico.

Segurança em Comércio Eletrônico. <Nome> <Instituição> <e-mail> Segurança em Comércio Eletrônico Agenda Comércio Eletrônico Riscos principais Cuidados a serem tomados Créditos Comércio eletrônico (1/2) Permite: comprar grande quantidade

Leia mais

Palavras-chave: Loja virtual. Comércio eletrônico. Internet.

Palavras-chave: Loja virtual. Comércio eletrônico. Internet. Migração de Lojas Físicas para Virtuais: breve histórico e contextualização Gabriel Dallo gabriel_dalo@hotmail.com Lucas Gabriel Rodrigues Simões lucasgabriel_simoes@hotmail.com Pedro Gustavo Duarte pedro_g_duarte@hotmail.com

Leia mais

Perguntas Frequentes. Distribuidores

Perguntas Frequentes. Distribuidores Perguntas Frequentes Distribuidores O que é o site Compre Lista Escolar? É um site que possui um sistema desenvolvido, exclusivamente, para que distribuidores possam realizar vendas de livros escolares

Leia mais

Como funciona a plataforma Superlógica? - Livro 1 de 4 LOJA VIRTUAL DE SERVIÇOS RECORRENTES Como funciona a contratação? Como você será contratado pela internet? www.superlogica.com 0800 709 6800 https://github.com/superlogica/api

Leia mais

PERGUNTAS MAIS FREQUENTES 1. MEUS PEDIDOS

PERGUNTAS MAIS FREQUENTES 1. MEUS PEDIDOS PERGUNTAS MAIS FREQUENTES 1. MEUS PEDIDOS Consigo rastrear o minha Compra? Sim. As informações mais atualizadas sobre sua Compra e a situação de entrega de sua Compra estão disponíveis em Meus pedidos.

Leia mais

Proposta de Franquia SMS Marketing. A Empresa

Proposta de Franquia SMS Marketing. A Empresa Proposta de Franquia SMS Marketing A Empresa A DeOlhoNaWeb Soluções Digitais é uma empresa de internet em forte crescimento, que foi fundada em 2012 com objetivo de oferecer soluções inovadoras por um

Leia mais

Como Fazer o seu Pedido

Como Fazer o seu Pedido 1 Como Fazer o seu Pedido Agora que você já está cadastrado e sabe como acessar o seu escritório virtual, é muito importante que saiba como enviar seus pedidos. No tutorial Como Fazer o seu Cadastro você

Leia mais

Manual do Painel Administrativo E-commerce

Manual do Painel Administrativo E-commerce Manual do Painel Administrativo E-commerce versão 1.0 Autores César A Miggiolaro Marcos J Lazarin Índice E-commerce... 3 Categorias... 4 Produto... 5 Marca... 7 Cor... 8 Tamanho... 8 Configurar Loja...

Leia mais

Wagner K. Arendt Coordenador de TI FCDL/SC

Wagner K. Arendt Coordenador de TI FCDL/SC Wagner K. Arendt Coordenador de TI FCDL/SC sua empresa na Internet A criação de um site é uma regra geral para empresas que querem sobreviver em um mercado cada vez mais agressivo e um mundo globalizado,

Leia mais

e-commerce Deyglom Moreira Franz Magpantay Ricardo Perez

e-commerce Deyglom Moreira Franz Magpantay Ricardo Perez e-commerce Deyglom Moreira Franz Magpantay Ricardo Perez "As projeções de crescimento do e- commerce para 2010 são grandes, atingindo em 2009 a marca de R$ 10,5 bilhões no Brasil." Fonte: ReadWriteWeb

Leia mais

Manual Prático do Usuário

Manual Prático do Usuário Página 12 Saiba mais Em quanto tempo seu cliente recebe o produto Como é emitida a Nota fiscal e recolhido os impostos Pergunte ao Suporte Todos os pedidos serão enviados em até 24 horas úteis, após a

Leia mais

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1 MANUAL DO USUÁRIO Índice 1. Introdução... 3 2. Acesso ao Sistema... 4 2.1. Instalação... 4 2.1.1. Servidor - Computador Principal... 4 2.1.2. Estação - Computador na Rede... 6 2.1.3. Estação - Mapeamento

Leia mais

TIC Domicílios 2007 Comércio Eletrônico

TIC Domicílios 2007 Comércio Eletrônico TIC Domicílios 2007 Comércio Eletrônico DESTAQUES 2007 O Estudo sobre Comércio Eletrônico da TIC Domicílios 2007 apontou que: Quase a metade das pessoas que já utilizaram a internet declarou ter realizado

Leia mais

Modelos de e-commerce

Modelos de e-commerce Comércio Eletrônico Faculdade de Tecnologia SENAC Curso Superior de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Unidade Curricular: Comércio Eletrônico Edécio Fernando Iepsen (edecio@terra.com.br)

Leia mais

TOTVS Vitrine Série 1 + Shopping Megafashion. Sua loja virtual totalmente integrada com a loja física

TOTVS Vitrine Série 1 + Shopping Megafashion. Sua loja virtual totalmente integrada com a loja física TOTVS Vitrine Série 1 + Shopping Megafashion Sua loja virtual totalmente integrada com a loja física Conteúdo! O mercado da moda! Vantagens da solução TOTVS + Megafashion! Layout da loja! Valores! Degustação!

Leia mais

CELULAR X COMPUTADOR APLICATIVO PARA CELULAR DICAS DO SEBRAE

CELULAR X COMPUTADOR APLICATIVO PARA CELULAR DICAS DO SEBRAE CELULAR X COMPUTADOR Atualmente, o Celular roubou a cena dos computadores caseiros e estão muito mais presentes na vida dos Brasileiros. APLICATIVO PARA CELULAR O nosso aplicativo para celular funciona

Leia mais

Aplicação Prática de Lua para Web

Aplicação Prática de Lua para Web Aplicação Prática de Lua para Web Aluno: Diego Malone Orientador: Sérgio Lifschitz Introdução A linguagem Lua vem sendo desenvolvida desde 1993 por pesquisadores do Departamento de Informática da PUC-Rio

Leia mais

AQUI SEGUEM OS TÓPICOS TRATADOS NESSE GUIA, PARA QUE VOCÊ APRENDA A USAR O SISTEMA CLUBE TURISMO MOBILE.

AQUI SEGUEM OS TÓPICOS TRATADOS NESSE GUIA, PARA QUE VOCÊ APRENDA A USAR O SISTEMA CLUBE TURISMO MOBILE. GUIA RÁPIDO DE USO AQUI SEGUEM OS TÓPICOS TRATADOS NESSE GUIA, PARA QUE VOCÊ APRENDA A USAR O SISTEMA CLUBE TURISMO MOBILE. 1 Acesso ao sistema...3 2 Entenda o Menu...3 2.1 Contatos...3 2.2 Mensagens...4

Leia mais

Guia Rápido de Uso. Aqui seguem os tópicos tratados nesse guia, para que você aprenda a usar o Sistema HOT SMS. SUMÁRIO

Guia Rápido de Uso. Aqui seguem os tópicos tratados nesse guia, para que você aprenda a usar o Sistema HOT SMS. SUMÁRIO 1 Guia Rápido de Uso Aqui seguem os tópicos tratados nesse guia, para que você aprenda a usar o Sistema HOT SMS. SUMÁRIO 1 Acesso ao sistema...3 2 Entenda o Menu...4 3 Como enviar torpedos...6 3.1 Envio

Leia mais

10. Defina Sistemas Distribuídos: Um conjunto de computadores independentes que se apresenta a seus usuários como um sistema único e coerente

10. Defina Sistemas Distribuídos: Um conjunto de computadores independentes que se apresenta a seus usuários como um sistema único e coerente 1. Quais os componentes de um sistema cliente-servidor? Clientes e servidores 2. Na visão do hardware, defina o que é cliente e o que é servidor: Clientes. Qualquer computador conectado ao sistema via

Leia mais

Documento de Requisitos Projeto SisVendas Sistema de Controle de Vendas para Loja de Informática.

Documento de Requisitos Projeto SisVendas Sistema de Controle de Vendas para Loja de Informática. Documento de Requisitos Projeto SisVendas Sistema de Controle de Vendas para Loja de Informática. 1 Introdução 1.1 Propósito O propósito deste documento de especificação de requisitos é definir os requisitos

Leia mais

FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Rafael D. Ribeiro, M.Sc,PMP. rafaeldiasribeiro@gmail.com http://www.rafaeldiasribeiro.com.br @ribeirord Pesquisa e Propagação do conhecimento: Através da Web, é possível

Leia mais

Presidente do Conselho Deliberativo Nacional. Coordenação Nacional em Comércio Eletrônico. Roberto Simões. Hyrla Marianna. Diretor-Presidente

Presidente do Conselho Deliberativo Nacional. Coordenação Nacional em Comércio Eletrônico. Roberto Simões. Hyrla Marianna. Diretor-Presidente 2012. Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas Sebrae Todos os direitos reservados. A reprodução não autorizada desta publicação, no todo ou em parte, constitui violação aos direitos autorais

Leia mais

Manual do Sistema Lisura Unimed Norte Nordeste

Manual do Sistema Lisura Unimed Norte Nordeste Manual do Sistema Lisura Unimed Norte Nordeste 1 - Informações Gerais 1.1 - Compatibilidade O Sistema Lisura é um sistema web, o que significa que ele poderá funcionar em qualquer computador que esteja

Leia mais

Personalização da Loja: Personalizamos a sua loja com base na identidade visual da empresa, logomarca, personalização de botões e cores.

Personalização da Loja: Personalizamos a sua loja com base na identidade visual da empresa, logomarca, personalização de botões e cores. Curitiba, 03 de Dezembro de 2014. CLIENTE: Vidri FONE: 3272-9598 RESPONSÁVEL: Luciano Plataforma e-commerce Ideal Loja Apresentação: A Plataforma e-commerce Ideal Loja, é uma plataforma própria em uso

Leia mais

Portal Contador Parceiro

Portal Contador Parceiro Portal Contador Parceiro Manual do Usuário Produzido por: Informática Educativa 1. Portal Contador Parceiro... 03 2. Acesso ao Portal... 04 3. Profissionais...11 4. Restrito...16 4.1 Perfil... 18 4.2 Artigos...

Leia mais

Perguntas e Respostas NOVO SITE PEDIDOSONLINE HERBALIFE NO MYHERBALIFE.COM.BR BRASIL, 2013.

Perguntas e Respostas NOVO SITE PEDIDOSONLINE HERBALIFE NO MYHERBALIFE.COM.BR BRASIL, 2013. Geral Como posso pedir produtos em outros países? Como eu coloco Pedidos através do myherbalife.com.br? Como eu pago a Taxa de Processamento Anual? Esse mês tem fechamento duplo. Eu terei a possibilidade

Leia mais

Tópicos de Ambiente Web Internet: negócios eletrônicos, novas tendencias e tecnologias

Tópicos de Ambiente Web Internet: negócios eletrônicos, novas tendencias e tecnologias Tópicos de Ambiente Web Internet: negócios eletrônicos, novas tendencias e tecnologias Professora: Sheila Cáceres Uma mensagem enviada em internet é dividida em pacotes de tamanho uniforme. Cada pacote

Leia mais

Unidade IV MERCADOLOGIA. Profº. Roberto Almeida

Unidade IV MERCADOLOGIA. Profº. Roberto Almeida Unidade IV MERCADOLOGIA Profº. Roberto Almeida Conteúdo Aula 4: Marketing de Relacionamento A Evolução do Marketing E-marketing A Internet como ferramenta As novas regras de Mercado A Nova Era da Economia

Leia mais

POLÍTICA DE PRIVACIDADE DA DIXCURSOS (ANEXO AOS TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DO SITE E CONTRATAÇÃO DOS SERVIÇOS)

POLÍTICA DE PRIVACIDADE DA DIXCURSOS (ANEXO AOS TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DO SITE E CONTRATAÇÃO DOS SERVIÇOS) POLÍTICA DE PRIVACIDADE DA DIXCURSOS (ANEXO AOS TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DO SITE E CONTRATAÇÃO DOS SERVIÇOS) 1. A aceitação a esta Política de Privacidade se dará com o clique no botão Eu aceito

Leia mais

Perguntas frequentes

Perguntas frequentes Perguntas frequentes 1. MEUS PEDIDOS Consigo rastrear o minha Compra? Sim. As informações mais atualizadas sobre sua Compra e a situação de entrega de sua Compra podem ser adquiridas a qualquer momento

Leia mais

Tableau Online Segurança na nuvem

Tableau Online Segurança na nuvem Tableau Online Segurança na nuvem Autor(a): Ellie Fields Diretora Sênior de Marketing de Produtos, Tableau Software Junho de 2013 p2 A Tableau Software entende que os dados são um dos ativos mais estratégicos

Leia mais

LOJAS VIRTUAIS COMPLETAS

LOJAS VIRTUAIS COMPLETAS COMPLETAS Bem vindo! Conheça a Easy. O futuro é agora. Somo uma poderosa ferramenta que transforma ideias e oportunidades em ação e resultado. Com colaboradores com mais de 12 anos de mercado, atuando

Leia mais

Manual do Usuário. SCA - Sistema de Controle de Acesso

Manual do Usuário. SCA - Sistema de Controle de Acesso Manual do Usuário SCA - Sistema de Controle de Acesso Equipe-documentacao@procergs.rs.gov.br Data: Julho/2012 Este documento foi produzido por Praça dos Açorianos, s/n CEP 90010-340 Porto Alegre, RS (51)

Leia mais

FMU - FACULDADES METROPOLITANAS UNIDAS E-COMMERCE, SOCIAL COMMERCE, MOBILE MARKETING E MARKETING DE PERMISSÃO.

FMU - FACULDADES METROPOLITANAS UNIDAS E-COMMERCE, SOCIAL COMMERCE, MOBILE MARKETING E MARKETING DE PERMISSÃO. FMU - FACULDADES METROPOLITANAS UNIDAS E-COMMERCE, SOCIAL COMMERCE, MOBILE MARKETING E MARKETING DE PERMISSÃO. São Paulo - SP 2016 RENAN ROCHA ALVES - RA: 6448758 E-COMMERCE, SOCIAL COMMERCE, MOBILE MARKETING

Leia mais

TCEnet. Manual Técnico. Responsável Operacional das Entidades

TCEnet. Manual Técnico. Responsável Operacional das Entidades TCEnet Manual Técnico Responsável Operacional das Entidades 1 Índice 1. Introdução... 3 2. Características... 3 3. Papéis dos Envolvidos... 3 4. Utilização do TCEnet... 4 4.1. Geração do e-tcenet... 4

Leia mais

Como comprar na Barrocarte. www.barrocarte.com

Como comprar na Barrocarte. www.barrocarte.com Como comprar na Barrocarte www.barrocarte.com Ultima atualização em 9 de Janeiro de 2011 1 Comprando Navegue pela loja e escolha os produtos que você deseja comprar. Selecione o acabamento desejado e clique

Leia mais

Gestão do back office no. e-commerce

Gestão do back office no. e-commerce Gestão do back office no e-commerce 2014. Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas Sebrae TODOS OS DIREITOS RESERVADOS A reprodução não autorizada desta publicação, no todo ou em parte,

Leia mais

Manual de Boas Práticas para Fornecedores do Cartão BNDES

Manual de Boas Práticas para Fornecedores do Cartão BNDES Manual de Boas Práticas para Fornecedores do Cartão BNDES Atualizado em 15/05/14 Pág.: 1/6 Introdução O Cartão BNDES é um meio de pagamento baseado no conceito de cartão de crédito e que visa financiar

Leia mais

Copyright 2015 Mandic Cloud Solutions - Somos Especialistas em Cloud. www.mandic.com.br

Copyright 2015 Mandic Cloud Solutions - Somos Especialistas em Cloud. www.mandic.com.br Sumário 1. Boas vindas... 4 2. Dashboard... 4 3. Cloud... 5 3.1 Servidores... 5 o Contratar Novo Servidor... 5 o Detalhes do Servidor... 9 3.2 Cloud Backup... 13 o Alteração de quota... 13 o Senha do agente...

Leia mais

2013 GVDASA Sistemas Administração dos Portais

2013 GVDASA Sistemas Administração dos Portais 2013 GVDASA Sistemas Administração dos Portais 2013 GVDASA Sistemas Administração dos Portais AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a

Leia mais

Universidade Federal de Goiás Centro de Recursos Computacionais - CERCOMP Divisão de Sistemas. Criação de uma Serviço de Geração de Relatórios

Universidade Federal de Goiás Centro de Recursos Computacionais - CERCOMP Divisão de Sistemas. Criação de uma Serviço de Geração de Relatórios Universidade Federal de Goiás Centro de Recursos Computacionais - CERCOMP Divisão de Sistemas Criação de uma Serviço de Geração de Relatórios Goiânia 12/2011 Versionamento 12/12/2011 Hugo Marciano... 1.0

Leia mais

Qual o valor que tenho que pagar para ter um perfil na rede acheifacil?

Qual o valor que tenho que pagar para ter um perfil na rede acheifacil? Perguntas frequentes: Como funciona a Rede Achei Fácil? O Achei Fácil é uma rede de negócios em ambiente virtual, criada para facilitar o contato entre clientes e fornecedores de produtos e serviços, através

Leia mais

Manual do usuário (v 1.2.0) E-commerce

Manual do usuário (v 1.2.0) E-commerce Manual do usuário (v 1.2.0) E-commerce Sumário Acessando o sistema gerencial... 1 Enviando logomarca, banners e destaques... 1 Logomarca... 1 Destaques... 2 Banners... 3 Cadastrando produtos... 4 Embalagem...

Leia mais

Manual do usuário Certificado Digital e-cpf. Parabéns! Ao ter em mãos este manual, significa que você adquiriu um Certificado Digital DOCCLOUD

Manual do usuário Certificado Digital e-cpf. Parabéns! Ao ter em mãos este manual, significa que você adquiriu um Certificado Digital DOCCLOUD Manual do usuário Certificado Digital e-cpf Parabéns! Ao ter em mãos este manual, significa que você adquiriu um Certificado Digital DOCCLOUD Índice Apresentação 03 O que é um Certificado Digital? 04 Instalando

Leia mais

Nunca foi tão fácil utilizar

Nunca foi tão fácil utilizar Nunca foi tão fácil utilizar o Conectividade Social da CAIXA O que antes era feito com a autenticação de disquetes e precisava do antigo programa CNS para o relacionamento com a CAIXA e prestação de informações

Leia mais

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA Manual de Utilização Google Grupos Sumário (Clique sobre a opção desejada para ir direto à página correspondente) Utilização do Google Grupos Introdução... 3 Página

Leia mais

Guia de Utilização FControl - Área do Lojista - (Administrador / Manager)

Guia de Utilização FControl - Área do Lojista - (Administrador / Manager) - - (Administrador / Manager) Índice 1. Introdução... 03 2. Acessando a... 03 2.1 Problemas com acesso... 03 3. Menu... 04 4. Dados Cadastrais... 04 5. Configurações... 05 5.1 Homologação... 05 5.2 Comentários

Leia mais

Certificado Digital e-cpf

Certificado Digital e-cpf Página1 Certificado Digital e-cpf Manual do Usuário Página2 Índice Apresentação... 03 O que é um Certificado Digital?... 03 Instalando o Certificado... 04 Conteúdo do Certificado... 07 Utilização, guarda

Leia mais

Apostila. Comércio Eletrônico. e-commerce. Professor: Edson Almeida Junior. Comércio Eletrônico

Apostila. Comércio Eletrônico. e-commerce. Professor: Edson Almeida Junior. Comércio Eletrônico Apostila Comércio Eletrônico e-commerce Professor: Edson Almeida Junior Material compilado por Edson Almeida Junior Disponível em http://www.edsonalmeidajunior.com.br MSN: eajr@hotmail.com E-Mail: eajr@hotmail.com

Leia mais

Certificado Digital e-cpf

Certificado Digital e-cpf Certificado Digital e-cpf Parabéns! Ao ter em mãos esse manual, significa que você adquiriu um certificado digital AC Link. Manual do Usuário 1 Índice Apresentação... 03 O que é um Certificado Digital?...

Leia mais

Manual SIGEP lojamestre.com.br

Manual SIGEP lojamestre.com.br manualcielo 2015 Manual SIGEP lojamestre.com.br Studio VR Ltda. 20/10/2015 1 1 2 Sumário Apresentação... 3 Pré-Requisitos... 3 Homologando o SIGEP Web... 4 Configurando o SIGEP na administração da loja

Leia mais

Sumário. Vipexpress Plataforma web para intermediação de vendas online entre usuários

Sumário. Vipexpress Plataforma web para intermediação de vendas online entre usuários Sumário... 1 Sobre o Vipexpress... 2 Vantagens do Marketplace... 2 Funcionalidades destaques da plataforma... 2 Categorias... 2 Anúncios... 3 Módulo de pedidos do administrador... 3 A combinar com o vendedor...

Leia mais

Manual Do Usuário ClinicaBR

Manual Do Usuário ClinicaBR Manual Do Usuário ClinicaBR SUMÁRIO 1 Introdução... 01 2 ClinicaBR... 01 3 Como se cadastrar... 01 4 Versão experimental... 02 5 Requisitos mínimos p/ utilização... 03 6 Perfis de acesso... 03 6.1 Usuário

Leia mais

Perspectivas do E-Commerce Brasileiro

Perspectivas do E-Commerce Brasileiro Perspectivas do E-Commerce Brasileiro Perspectivas do E-Commerce Brasileiro 78 Milhões de usuários de internet no Brasil Tíquete médio de compras pela web em 2011 foi de R$ 350,00 São mais de 3.000 de

Leia mais

Introdução! 1. Modelos de Domínio! 1. Identificação de classes conceituais! 2. Estratégia para identificar classes conceituais! 2

Introdução! 1. Modelos de Domínio! 1. Identificação de classes conceituais! 2. Estratégia para identificar classes conceituais! 2 Modelo de domínio Introdução! 1 Modelos de Domínio! 1 Identificação de classes conceituais! 2 Estratégia para identificar classes conceituais! 2 Passos para a elaboração do modelo de domínio! 2 Passo 1

Leia mais

WebEDI - Tumelero Manual de Utilização

WebEDI - Tumelero Manual de Utilização WebEDI - Tumelero Manual de Utilização Pedidos de Compra Notas Fiscais Relação de Produtos 1. INTRODUÇÃO Esse documento descreve o novo processo de comunicação e troca de arquivos entre a TUMELERO e seus

Leia mais

brasil +55 48 3025 2124 chile +56 832 401 61 peru +511 711-8466. amplie suas vendas ecommerce b2c

brasil +55 48 3025 2124 chile +56 832 401 61 peru +511 711-8466. amplie suas vendas ecommerce b2c brasil +55 48 3025 2124 chile +56 832 401 61 peru +511 711-8466. amplie suas vendas loja online ecommerce diferenciais A EMPRESA b2c A PLATAFORMA FLEXY É UM CONJUNTO DE SERVIÇOS E SISTEMAS ESPECIALIZADOS

Leia mais

PASSO A PASSO PARA CADASTRAR OFERTAS, PRODUTOS E SERVIÇOS WWW.WEBLUG.COM.BR.COM.BR

PASSO A PASSO PARA CADASTRAR OFERTAS, PRODUTOS E SERVIÇOS WWW.WEBLUG.COM.BR.COM.BR PASSO A PASSO PARA CADASTRAR OFERTAS, PRODUTOS E SERVIÇOS WWW.WEBLUG.COM.BR.COM.BR 1) Acesse na página principal, ANUNCIAR. 2) Preencha todos os campo 3) Escolha o plano de veiculação 4) Digite o nome

Leia mais

COMO CRIAR UMA LOJA VIRTUAL?

COMO CRIAR UMA LOJA VIRTUAL? EGC 9003-11 COMÉRCIO ELETRÔNICO PROFESSOR: LUIS ALBERTO GÓMEZ COMO CRIAR UMA LOJA VIRTUAL? ESTRUTURA DA APRESENTAÇÃO Conceito de comércio e seus componentes Perguntas essenciais Passo a passo de como criar

Leia mais

Comércio eletrônico 05/05/15. Objetivos de estudo. Qual o papel do e- commerce nos negócios e quais as aplicações mais importantes?

Comércio eletrônico 05/05/15. Objetivos de estudo. Qual o papel do e- commerce nos negócios e quais as aplicações mais importantes? Escola Superior de Gestão e Tecnologia Comércio eletrônico Mercados digitais, mercadorias digitais Prof. Marcelo Mar3ns da Silva Objetivos de estudo Qual o papel do e- commerce nos negócios e quais as

Leia mais

INTRODUÇÃO 2 ACESSO AO SIGTECWEB 3 TEMPO DE CONEXÃO 5 NAVEGAÇÃO 7 BARRA DE AÇÕES 7 COMPORTAMENTO DOS BOTÕES 7 FILTROS PARA PESQUISA 8

INTRODUÇÃO 2 ACESSO AO SIGTECWEB 3 TEMPO DE CONEXÃO 5 NAVEGAÇÃO 7 BARRA DE AÇÕES 7 COMPORTAMENTO DOS BOTÕES 7 FILTROS PARA PESQUISA 8 ÍNDICE INTRODUÇÃO 2 ACESSO AO SIGTECWEB 3 TEMPO DE CONEXÃO 5 NAVEGAÇÃO 7 BARRA DE AÇÕES 7 COMPORTAMENTO DOS BOTÕES 7 FILTROS PARA PESQUISA 8 ACESSO ÀS FERRAMENTAS 9 FUNÇÕES 12 MENSAGENS 14 CAMPOS OBRIGATÓRIOS

Leia mais

Privacidade.

Privacidade. <Nome> <Instituição> <e-mail> Privacidade Agenda Privacidade Riscos principais Cuidados a serem tomados Créditos Privacidade (1/3) Sua privacidade pode ser exposta na Internet: independentemente da sua

Leia mais

Há 15 anos, a Bertholdo é uma empresa especializada em soluções de tecnologia da informação e comunicação.

Há 15 anos, a Bertholdo é uma empresa especializada em soluções de tecnologia da informação e comunicação. Há 15 anos, a Bertholdo é uma empresa especializada em soluções de tecnologia da informação e comunicação. Desenvolvemos lojas virtuais, websites, portais, intranets, webmails, hotsites, entre outros serviços

Leia mais

Mobility Gestão Mobility Gestão Guia de Vendas 07/01/2009

Mobility Gestão Mobility Gestão Guia de Vendas 07/01/2009 Mobility Gestão Guia de Vendas 07/01/2009 O Mobility Gestão é um software de retaguarda para o segmento de Varejo, visando o controle total do estoque e movimentações de venda. Desenvolvido para trabalhar

Leia mais

E-COMMERCE / LOJA VIRTUAL

E-COMMERCE / LOJA VIRTUAL 1 ÍNDICE 1. WIX SISTEMAS E O /LOJA VIRTUAL 03 1.1.1 GRANDE VARIEDADE DE LAYOUTS E PERSONALIZAÇÃO 03 1.1.2 SERVIDOR E SSL (CADEADO DE SEGURANÇA) COMPARTILHADOS 04 2. RECURSOS 05 3. NOSSOS PLANOS DE /LOJA

Leia mais

Empreendedor. Sistema. Segurança para o empreendedor. www.axisfocus.com. ERP/CRM Sistema de gestão empresarial

Empreendedor. Sistema. Segurança para o empreendedor. www.axisfocus.com. ERP/CRM Sistema de gestão empresarial ERP/CRM Sistema de gestão empresarial Administre sua empresa de onde estiver, via internet Sistema Empreendedor Sistema Empreendedor Simples de usar, flexível e de baixo custo Com interface clara, simples

Leia mais

Apresentação... 11. Cadastro... 11.1 Dados cadastrais... 11.2 Notificações... 11.3 Logotipo... 11.4 Venda por estado...

Apresentação... 11. Cadastro... 11.1 Dados cadastrais... 11.2 Notificações... 11.3 Logotipo... 11.4 Venda por estado... Apresentação... 1. Painel de Controle... 2 1.1 Pedidos Pendentes... 3 1.2 Últimos 10 pedidos fechados... 3 1.3 Situação dos pedidos por status... 4 1.4 Total de vendas... 4 2. Financeiro... 2.1 Valores

Leia mais

Ao explicar as nossas práticas de manipulação de dados, desejamos desenvolver um relacionamento de confiança a longo prazo com você.

Ao explicar as nossas práticas de manipulação de dados, desejamos desenvolver um relacionamento de confiança a longo prazo com você. Política de Privacidade do site de Pesquisa de Satisfação Ford 1. Política geral: A Ford Motor Company respeita a sua privacidade e está comprometida em protegê-la. Esta Política de Privacidade explica

Leia mais