Dino SMART Production. Monitoração de Jobs da produçao do ambiente mainframe IBM

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Dino SMART Production. Monitoração de Jobs da produçao do ambiente mainframe IBM"

Transcrição

1 Dino SMART Production Monitoração de Jobs da produçao do ambiente mainframe IBM

2 Portfolio - Dino Explorer Suite - Componentes Dino Smart Monitoração: Aplicações Serviços Jobs (Online e Batch) SLA s Reengenharia; Governança: Base de dados histórica (SMF s) Repositório único de LOGS Provisionamento Utilização de recursos Filtros

3 NIMS Non Intrusive Mainframe Software Mínimo uso de CPU Mainframe Mínimo impacto no ambiente de Produção Usa o conceito de manage out-of-the-box Roda em baixa plataforma (Intel/Microsoft) Usa softwares extratores e mensageria próprios, não requer nenhum software adicional

4 Data Loader

5 pseries pseries pseries Arquitetura COLETA DE DADOS MODELAGEM, ANÁLISE E RETENÇÃO Dino SOLUÇÕES Explorer OPTIMIZE! Suite DASHBOARDS Aplicações de Negócio (Conta Corrente, Arrecadação, Recursos Humanos, CRM, Atendimento a Cliente, etc.) Mainframe LOG Warehouse RELATÓRIOS CUSTOMIZADOS POR LINHA DE NEGÓCIO ANÁLISE DE TENDÊNCIA Infra-estrutura (CPU, Armazenamento, Arquivos, Backup, etc.) Sistemas (Mainframe IBM, OS/390 e z/os) Servidor Intel Microsoft Windows Server Microsoft SQL Server 5.0 Armazenamento Escalável através de armazenamento externo Introductory Stage Growth Stage ANO Maturity Stage Decline Stage Total Market Sales WAREHOUSE DE GOVERNANÇA Billing, Capacity Planning, Availability, Tunning, Security, Change Management, Configuration Management, Reporting, Scheduling, etc... FONTE DE DADOS DIVERSAS FLEXÍVEL, INTEGRADO E ESCALÁVEL RESULTADOS

6 Dino SMART - Componentes Monitoração Jobs Batch Jobs Online Job Execution Database (SLA) Elapsed time CPU time Service Units EXCP s Médias de JOBs Histórico de execuções Engenharia Reversa Job Chain Dataset Chain

7 Funcionalidade Monitor (AIM - Application Impact Monitor) Criar diversos monitores (Folder, Atividades e Task) Organizar e monitorar a evolução de processos críticos que são executados no ambiente mainframe IBM.

8 Funcionalidade Monitor (AIM - Application Impact Monitor) Folder Activity Estrutura hierárquica composta de folders e atividades. Grupo de TASKs monitoradas. A menor entidade que pode ser monitorada. Task Pode ser um JOB, um job STEP, ou uma Atividade.

9 Funcionalidade Monitor (AIM - Application Impact Monitor) FOLDER Estrutura hierárquica; Visão de negócios; Organiza as atividades;

10 Funcionalidade Monitor (AIM - Application Impact Monitor) ACTIVITY Um conjunto de TASKs monitoradas Possui status de progresso e atraso Periodicidade (diária, mensal, eventual )

11 Funcionalidade Monitor (AIM - Application Impact Monitor) TASK a menor entidade monitorada pode ser um JOB, um job STEP ou uma atividade

12 Funcionalidade Monitor (AIM - Application Impact Monitor) JOBNAME

13 Funcionalidade Job Execution Database Os eventos das execuções dos jobs (início, progresso, fim) são carregados em tempo real numa base de dados SQL, através do Dino Messaging; SLA dos processos monitorados são definidos de acordo com base de dados histórica;

14 Funcionalidade Job Execution Database Informações históricas: Elapsed time, CPU time, Service Units, EXCP s Médias de JOBs, melhores e piores casos Histórico de execuções: tempos de início e fim

15 Funcionalidade Job Execution Database

16 Monitores

17 Monitores

18 Funcionalidades do Job Chain Apresentar graficamente a hierarquia dos jobs e processos do mainframe através de engenharia reversa não-intrusiva (NIMS).

19 Funcionalidades do Job Chain Regras de schedulagem muito antigas e complexas; Dificuldade de identificar a hierarquia dos jobs: - Ordem de execução; - Processos em paralelo; - Execuções desnecessárias ou obsoletas; - Minimum path;

20 Funcionalidades do Job Chain Fácil criação de diagramas de dependências entre Jobs e Datasets; Independente do scheduler do mainframe; Não requer qualquer alteração no mainframe;

21 Job Chain - Hierarquia de Processos Construída a partir do tipo de acesso aos datasets (input, output); Um job depende de todos os jobs que geram os seus arquivos de entrada.

22 Job Chain - Exemplos de Diagramas

23 Job Chain - Exemplos de Diagramas

24 Job Chain - Benefícios Simplificar as regras de schedulagem; Redução do tempo de execução de serviços (minimum path); Sem impacto no workload do mainframe; Não necessita integração com outro produto; Facilitar a documentação dos sistemas;

25 Dino SMART Diferenciais da Solução Monitoração em qualquer nível de job ou step (online e bacth) Mensageria própria (Dino Messaging) Alta performance Baixo consumo de recursos do Mainframe (CPU/IO) Real time Interface amigável Tecnologia não intrusiva (NIMS Non Intrusive Mainframe Software) Gerenciamento dos níveis de serviço (SLA/SLO) Visualização dos KPI s via dashboards da ferramenta Auxilia na documentação e organização dos processos (Produção/Legado) Não depende de outros produtos

26 Alexey da Hora Luiz Gazola Odilon Oliveira Odilon Oliveira

Foglight A solução ideal para o gerenciamento de aplicações e serviços SAP

Foglight A solução ideal para o gerenciamento de aplicações e serviços SAP Parceria: Foglight A solução ideal para o gerenciamento de aplicações e serviços SAP Uma nova visão no Gerenciamento da Aplicação INDICE 1. Parceria Union e Quest Software... 3 2. Foglight Gerenciando

Leia mais

: Administração Produção : Linguagem de : Adminstração Banco 1 :Administração Storage Sistema z/os Sistema z/vm : Melhores Práticas em Gestão de Tecnologia - IL Módulo : : Administração Produção : Linguagem

Leia mais

Advanced IT S/A. EM10g Grid Control. Introdução. Introdução. Agenda. Como alcança estes objetivos Grid Control Home Page Pode gerenciar:

Advanced IT S/A. EM10g Grid Control. Introdução. Introdução. Agenda. Como alcança estes objetivos Grid Control Home Page Pode gerenciar: Agenda Advanced IT S/A EM10g Grid Control Denise Cunha Advanced IT S/A - DBA Gerenciando Deployments (distribuições) Estendendo o EM Sistema de Jobs Start e Stop do EM Objetivos Extrair informações críticas

Leia mais

ANEXO II PERFIL DOS ANALISTAS, FORMAÇÃO E ATIVIDADES A DESENVOLVER 1. FORMAÇÃO, CONHECIMENTO E HABILIDADES EXIGIDAS:

ANEXO II PERFIL DOS ANALISTAS, FORMAÇÃO E ATIVIDADES A DESENVOLVER 1. FORMAÇÃO, CONHECIMENTO E HABILIDADES EXIGIDAS: PREGÃO PRESENCIAL Nº 001/2009 1 ANEXO II PERFIL DOS ANALISTAS, FORMAÇÃO E ATIVIDADES A DESENVOLVER 1. FORMAÇÃO, CONHECIMENTO E HABILIDADES EXIGIDAS: 1.1. FORMAÇÃO ACADÊMICA EXIGIDA PARA TODOS OS PERFIS

Leia mais

LEIA ISTO PRIMEIRO. IBM Tivoli Configuration Manager, Versão 4.2.1

LEIA ISTO PRIMEIRO. IBM Tivoli Configuration Manager, Versão 4.2.1 LEIA ISTO PRIMEIRO IBM Tivoli, Versão 4.2.1 O IBM Tivoli, Versão 4.2.1, é uma solução para controlar a distribuição de software e o inventário de gerenciamento de recursos em um ambiente multiplataformas.

Leia mais

Monitoração como serviço com o Microsoft Operations. Management Suite MDC209

Monitoração como serviço com o Microsoft Operations. Management Suite MDC209 Monitoração como serviço com o Microsoft Operations Management Suite MDC209 Monitoração como serviço com o Microsoft Operations Management Suite Quem é o palestrante? Paulo Teixeira Cloud Solution Architecht

Leia mais

Visão Geral Técnica Xenos Enterprise Server. Grupo Xenos. Dados. Documentos

Visão Geral Técnica Xenos Enterprise Server. Grupo Xenos. Dados. Documentos Visão Geral Técnica Xenos Enterprise Server Dados Documentos Linha de Aplicativos de Negócio Arquitetura do Xenos Enterprise Server A plataforma do Xenos Enterprise Server (ES) trata dos desafios do negócio

Leia mais

Workflow como Proposta de. Workflow. O Gerenciamento de Processos. Prof. Roquemar Baldam roquemar@pep.ufrj.br

Workflow como Proposta de. Workflow. O Gerenciamento de Processos. Prof. Roquemar Baldam roquemar@pep.ufrj.br Workflow como Proposta de Automação Flexível O Gerenciamento de Processos Planejamento do BPM Diretrizes e Especificações Seleção de processo críticos Alinhamento de processos à estratégia www.iconenet.com.br

Leia mais

15/09/2015. Gestão e Governança de TI. Modelo de Governança em TI. A entrega de valor. A entrega de valor. A entrega de valor. A entrega de valor

15/09/2015. Gestão e Governança de TI. Modelo de Governança em TI. A entrega de valor. A entrega de valor. A entrega de valor. A entrega de valor Gestão e Governança de TI Modelo de Governança em TI Prof. Marcel Santos Silva PMI (2013), a gestão de portfólio é: uma coleção de projetos e/ou programas e outros trabalhos que são agrupados para facilitar

Leia mais

Sun Software Exemplo de um caso Real Empresa nome fantasia CICLO DIÁRIO Preparado para a empresa 23/10/2005

Sun Software Exemplo de um caso Real Empresa nome fantasia CICLO DIÁRIO Preparado para a empresa 23/10/2005 Exemplo de um caso Real Empresa nome fantasia CICLO DIÁRIO Preparado para a empresa 23/10/2005 ÍNDICE RESUMO EXECUTIVO... 3 O BAS - SERVIÇO DE ANÁLISE BATCH... 4 RECOMENDAÇÕES GERAIS... 5 EXPANSÃO DO BUFFER

Leia mais

CES-32 e CE-230 Qualidade, Confiabilidade e Segurança de Software. Tendências, Perspectivas e Ferramentas de Qualidade em Engenharia de Software (4)

CES-32 e CE-230 Qualidade, Confiabilidade e Segurança de Software. Tendências, Perspectivas e Ferramentas de Qualidade em Engenharia de Software (4) CURSO de GRADUAÇÃO e de PÓS-GRADUAÇÃO do ITA 2º SEMESTRE 2002 CES-32 e CE-230 Qualidade, Confiabilidade e Segurança de Software Eng. Osvandre Alves Martins e Prof. Dr. Adilson Marques da Cunha Tendências,

Leia mais

Oracle Enterprise Manager 10g Grid Control NOVO

Oracle Enterprise Manager 10g Grid Control NOVO Oracle University Contact Us: +351214235182 Oracle Enterprise Manager 10g Grid Control NOVO Duration: 5 Days What you will learn Este curso oferece uma visão geral dos recursos do Grid Control 10.2.0.4.

Leia mais

Abstraindo as Camadas de SOA & Aplicações Compostas

Abstraindo as Camadas de SOA & Aplicações Compostas Abstraindo as Camadas de SOA & Aplicações Compostas Serviço Service Requisitante Consumer Service Serviço Provider Provedor consumidores processos business e processes negócios Coreografia process choreography

Leia mais

INFINITY TARIFADOR ALTIS. Mais que um Tarifador, é a evolução na gestão em telecomunicações.

INFINITY TARIFADOR ALTIS. Mais que um Tarifador, é a evolução na gestão em telecomunicações. TARIFADOR ALTIS INFINITY Mais que um Tarifador, é a evolução na gestão em telecomunicações. O Tarifador Altis Infinity foi desenvolvido para atender empresas de qualquer porte, podendo controlar uma ou

Leia mais

Gestão de SLA Do etom ao ITIL

Gestão de SLA Do etom ao ITIL Gestão de SLA Do etom ao ITIL Sergio Mainetti Jr. Visionnaire Agenda Parte 1 Apresentação da Empresa Parte 2 SLA Serviços no Mercado Atual O que é SLA? Barreiras para o uso de SLAs Do etom ao ITIL Parte

Leia mais

C o m p o s i t e A p p l i c a t i o n M a n a g e m e n t

C o m p o s i t e A p p l i c a t i o n M a n a g e m e n t EUGENIOf@br.ibm.com IT Specialist Pre Sales Support (55 11) 2132-7793 C o m p o s i t e A p p l i c a t i o n M a n a g e m e n t 2005 IBM Corporation Tendências da Infra-Estrutura Complexidade Alterações

Leia mais

IBM Tivoli Workload Scheduler para Aplicativos Versão 8.2 Notas sobre o Release

IBM Tivoli Workload Scheduler para Aplicativos Versão 8.2 Notas sobre o Release IBM Tivoli Workload Scheduler para Aplicativos Versão 8.2 Notas sobre o Release Este documento fornece as seguintes informações: v Novos recursos v Suporte de plataforma v Informações de instalação v Limitações

Leia mais

Tópicos. Atualizações e segurança do sistema. Manutenção Preventiva e Corretiva de Software (utilizando o MS Windows XP)

Tópicos. Atualizações e segurança do sistema. Manutenção Preventiva e Corretiva de Software (utilizando o MS Windows XP) teste 1 Manutenção Preventiva e Corretiva de Software (utilizando o MS Windows XP) Rafael Fernando Diorio www.diorio.com.br Tópicos - Atualizações e segurança do sistema - Gerenciamento do computador -

Leia mais

Seja Bem-Vindo. System Center Family. Inicio: 09:00 Termino: 12:00

Seja Bem-Vindo. System Center Family. Inicio: 09:00 Termino: 12:00 Seja Bem-Vindo System Center Family Inicio: 09:00 Termino: 12:00 Intervalo: 15 minutos Marcelo Sincic Consultor / Instrutor msincic@uol.com.br blog: http://www.marcelosincic.eti.br Microsoft como CPLS

Leia mais

Projeto de Otimização de Performance e Redução de Custos. Sistema On-line. Empresa de Serviços

Projeto de Otimização de Performance e Redução de Custos. Sistema On-line. Empresa de Serviços Projeto de Otimização de Performance e Redução de Custos Sistema On-line Empresa de Serviços PROJETO DE OTIMIZAÇÃO Objetivo do Projeto Comprovar a viabilidade de ganhos de performance e redução de custos

Leia mais

1.1. REQUISITOS NÃO FUNCIONAIS & CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

1.1. REQUISITOS NÃO FUNCIONAIS & CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS 1. Anexo III - Requisitos Técnicos e de Segurança A SOLUÇÃO deverá atender obrigatoriamente aos requisitos não funcionais e às características técnicas descritos nos itens deste anexo. Os requisitos não

Leia mais

APRESENTAÇÃO. A Advanta tem uma parceria de representação e comercialização do sistema de gerenciamento de redes convergentes da AI METRIX.

APRESENTAÇÃO. A Advanta tem uma parceria de representação e comercialização do sistema de gerenciamento de redes convergentes da AI METRIX. APRESENTAÇÃO A Advanta tem uma parceria de representação e comercialização do sistema de gerenciamento de redes convergentes da AI METRIX. AI METRIX é o nome original da empresa que desenvolveu o software

Leia mais

Soluções Inteligentes para regulamentações e negócios em aplicações SAP

Soluções Inteligentes para regulamentações e negócios em aplicações SAP Soluções Inteligentes para regulamentações e negócios em aplicações SAP Uma nova visão no Gerenciamento da Aplicação INDICE 1. A Union IT... 3 2. A importância de gerenciar dinamicamente infra-estrutura,

Leia mais

Nível do Sistema Operacional

Nível do Sistema Operacional Nível do Sistema Operacional (Aula 14) Introdução a Sistemas Operacionais Roberta Lima Gomes - LPRM/DI/UFES Sistemas de Programação I Eng. Elétrica 2007/1 Introdução Hardware Provê os recursos básicos

Leia mais

Introdução. O que vimos. Infraestrutura de Software. (cont.) História dos Sistemas Operacionais. O que vimos 12/03/2012. Primeira geração: 1945-1955

Introdução. O que vimos. Infraestrutura de Software. (cont.) História dos Sistemas Operacionais. O que vimos 12/03/2012. Primeira geração: 1945-1955 O que vimos Infraestrutura de Software Introdução (cont.) Complexidade do computador moderno, do ponto de vista do hardware Necessidade de abstrações software Sistema computacional em camadas SO como uma

Leia mais

Implantação do Zabbix para monitoramento de infraestrutura

Implantação do Zabbix para monitoramento de infraestrutura Implantação do Zabbix para monitoramento de infraestrutura Raphael Celuppi Curso de Especialização em Redes e Segurança de Sistemas Pontifícia Universidade Católica do Paraná Curitiba, Setembro 2009 Sumário

Leia mais

Visão geral. Ter agentes localizados permite automação para: Detectar alterações granulares nos dados

Visão geral. Ter agentes localizados permite automação para: Detectar alterações granulares nos dados FOLHA DE PRODUTOS Agentes do CA Workload Automation Agentes do CA Workload Automation para implementações Sistemas operacionais, ERP, banco de dados, serviços de aplicativos e serviços Web Os Agentes do

Leia mais

Business Process Management [BPM] Get Control. Empower People.

Business Process Management [BPM] Get Control. Empower People. Business Process Management [BPM] Get Control. Empower People. O SoftExpert BPM Suite é uma suíte abrangente de módulos e componentes perfeitamente integrados, projetados para gerenciar todo o ciclo de

Leia mais

Otimização de recursos de TI

Otimização de recursos de TI Otimização de recursos de TI Maurício Affonso da Conceição Executivo de Unidade de Negócio, IBM Brasil mauaff@br.ibm.com 2005 IBM Corporation Agenda Systems Sales Estratégias de Otimização de Recursos

Leia mais

Business Process Management [BPM] Get Control. Empower People.

Business Process Management [BPM] Get Control. Empower People. Business Process Management [BPM] Get Control. Empower People. O SoftExpert BPM Suite é uma suíte abrangente de módulos e componentes perfeitamente integrados, projetados para gerenciar todo o ciclo de

Leia mais

O que o Negócio quer da TI? www.companyweb.com.br Download: www.companyweb.com.br/downloads 1

O que o Negócio quer da TI? www.companyweb.com.br Download: www.companyweb.com.br/downloads 1 O que o Negócio quer da TI? www.companyweb.com.br Download: www.companyweb.com.br/downloads 1 Exemplo de Relatório Velocidade na Resolução dos incidentes 97% 95% Qualidade na resolução dos incidentes 85%

Leia mais

UTILIZAÇÃO DA COMPETÊNCIA DE TI ATRAVÉS DE UM ABRANGENTE PLANEJAMENTO DE CAPACIDADE E MODELAGEM DE CARGAS DE TRABALHO

UTILIZAÇÃO DA COMPETÊNCIA DE TI ATRAVÉS DE UM ABRANGENTE PLANEJAMENTO DE CAPACIDADE E MODELAGEM DE CARGAS DE TRABALHO S Y S T E M S ASG-PERFMAN 2020 UTILIZAÇÃO DA COMPETÊNCIA DE TI ATRAVÉS DE UM ABRANGENTE PLANEJAMENTO DE CAPACIDADE E MODELAGEM DE CARGAS DE TRABALHO ASG ASG-PERFMAN 2020: Visão Global A sua capacidade

Leia mais

CA Mainframe Application Tuner r8.5

CA Mainframe Application Tuner r8.5 FOLHA DE PRODUTOS CA Mainframe Application Tuner CA Mainframe Application Tuner r8.5 O CA Mainframe Application Tuner foi desenvolvido para permitir que as equipes de gerenciamento de desempenho identifiquem

Leia mais

Forefront Server Security Management Console: Gerenciamento Simplificado da Segurança para Mensagens e Colaboração White Paper

Forefront Server Security Management Console: Gerenciamento Simplificado da Segurança para Mensagens e Colaboração White Paper Forefront Server Security Management Console: Gerenciamento Simplificado da Segurança para Mensagens e Colaboração White Paper Outubro de 2007 Resumo Este white paper explica a função do Forefront Server

Leia mais

Introdução a Sistemas Operacionais Aula 04. Prof. Msc. Ubirajara Junior biraifba@gmail.com

Introdução a Sistemas Operacionais Aula 04. Prof. Msc. Ubirajara Junior biraifba@gmail.com Introdução a Sistemas Operacionais Aula 04 Prof. Msc. Ubirajara Junior biraifba@gmail.com Um computador sem software nada mais é que um conjunto inútil de metal (Tanembaum); É o software que viabiliza

Leia mais

www.mpl.com.br C o n t a b i l i d a d e C o n t a s a P a g a r C o n t a s a R e c e b e r O r ç a m e n t o

www.mpl.com.br C o n t a b i l i d a d e C o n t a s a P a g a r C o n t a s a R e c e b e r O r ç a m e n t o A MPL Corporate Software, em parceria com a Oracle e a Amazon WebServices(AWS),lançouasolução ERPOracleInTheCloud,uma implantação SaaS (Software as a Service) do JD Edwards EnterpriseOne. A solução compreende

Leia mais

INTEGRE Diversas fontes de informações em uma interface intuitiva que exibe exatamente o que você precisa

INTEGRE Diversas fontes de informações em uma interface intuitiva que exibe exatamente o que você precisa INTEGRE Diversas fontes de informações em uma interface intuitiva que exibe exatamente o que você precisa ACESSE Informações corporativas a partir de qualquer ponto de Internet baseado na configuração

Leia mais

SISTEMA DE GERÊNCIA - DmView

SISTEMA DE GERÊNCIA - DmView Sistema de Gerenciamento DmView O DmView é o Sistema de Gerência desenvolvido para supervisionar e configurar os equipamentos DATACOM, disponibilizando funções para gerência de supervisão, falhas, configuração,

Leia mais

PRO201 - Integrando o Visual Studio 2005 Team Edition for Database Professional no Ciclo de Desenvolvimento de Software. Regis Gimenis - Microsoft

PRO201 - Integrando o Visual Studio 2005 Team Edition for Database Professional no Ciclo de Desenvolvimento de Software. Regis Gimenis - Microsoft PRO201 - Integrando o Visual Studio 2005 Team Edition for Database Professional no Ciclo de Desenvolvimento de Software Regis Gimenis - Microsoft 01. 02. 03. 04. 05. Introdução Visual Studio Team System

Leia mais

2. Conceitos e Arquitetura de Bancos de Dados

2. Conceitos e Arquitetura de Bancos de Dados Bancos de Dados 2. Conceitos e Arquitetura de Bancos de Dados 1 Arquitetura Moderna de SGBD SGBD antigos eram monolíticos e rígidos, voltados para funcionamento em ambientes centralizados (mainframes e

Leia mais

OPTIMIZANDO A CONFIABILIDADE E A PERFORMANCE DOS PROCESSOS BATCH EM AMBIENTE OS/390 E zos

OPTIMIZANDO A CONFIABILIDADE E A PERFORMANCE DOS PROCESSOS BATCH EM AMBIENTE OS/390 E zos ReEngineering OPTIMIZANDO A CONFIABILIDADE E A PERFORMANCE DOS PROCESSOS BATCH EM AMBIENTE OS/390 E zos A ReEngineering consiste numa metodologia e numa tecnologia que são indispensáveis tanto para optimizar

Leia mais

Noções de. Microsoft SQL Server. Microsoft SQL Server

Noções de. Microsoft SQL Server. Microsoft SQL Server Noções de 1 Considerações Iniciais Basicamente existem dois tipos de usuários do SQL Server: Implementadores Administradores 2 1 Implementadores Utilizam o SQL Server para criar e alterar base de dados

Leia mais

Windows Vista - Novas Técnicas e Características de Gerenciamento para IT Pros. Fabio Hara MVP Windows Server

Windows Vista - Novas Técnicas e Características de Gerenciamento para IT Pros. Fabio Hara MVP Windows Server Windows Vista - Novas Técnicas e Características de Gerenciamento para IT Pros Fabio Hara MVP Windows Server 01. 02. 03. 04. 05. Visão Geral Manutenção da Configuração do PC Simplificar Gerenciamento de

Leia mais

A SALA DE AULA é meu paraíso. Nela me realizo, nela exercito minha cidadania e nela me sinto útil.

A SALA DE AULA é meu paraíso. Nela me realizo, nela exercito minha cidadania e nela me sinto útil. Virtualização Meu nome: Nome de guerra: Meu e-mail: Marcos Vinicios Bueno Marques Professor Cidão marcos@cidao.com.br Quem sou? Professor e coordenador de cursos de TI do Senac Informática em Porto Alegre,

Leia mais

ESTE DOCUMENTO APRESENTA UMA VISÃO GERAL SOBRE A GESTÃO DE ALERTAS

ESTE DOCUMENTO APRESENTA UMA VISÃO GERAL SOBRE A GESTÃO DE ALERTAS Gestão de Alertas ESTE DOCUMENTO APRESENTA UMA VISÃO GERAL SOBRE A GESTÃO DE ALERTAS A solução de Gestão de Alertas objetiva o monitoramento da geração, recepção e emissão de documentos eletrônicos garantindo

Leia mais

Gerência de Banco de Dados

Gerência de Banco de Dados exatasfepi.com.br Gerência de Banco de Dados Prof. Msc. André Luís Duarte Banco de Dados Os bancos de dados são coleções de informações que se relacionam para criar um significado dentro de um contexto

Leia mais

CA Mainframe Chorus for DB2 Database Management Version 2.0

CA Mainframe Chorus for DB2 Database Management Version 2.0 FOLHA DO PRODUTO CA Mainframe Chorus for DB2 Database Management CA Mainframe Chorus for DB2 Database Management Version 2.0 Simplifique e otimize seu DB2 para tarefas de gerenciamento de carga de trabalho

Leia mais

Data Warehouse Processos e Arquitetura

Data Warehouse Processos e Arquitetura Data Warehouse - definições: Coleção de dados orientada a assunto, integrada, não volátil e variável em relação ao tempo, que tem por objetivo dar apoio aos processos de tomada de decisão (Inmon, 1997)

Leia mais

Jarley Nóbrega jpn@cin.ufpe.br

Jarley Nóbrega jpn@cin.ufpe.br 1 Jarley Nóbrega jpn@cin.ufpe.br Pentaho Data Integration Dezembro de 2009 Agenda O PDI e o Pentaho BI Suite Instalando o PDI Trabalhando com arquivos Pentaho BI Suite Coleção de Aplicações de Software

Leia mais

www.mpl.com.br ERPOracleInTheCloud.

www.mpl.com.br ERPOracleInTheCloud. A MPL Corporate Software, em parceria com a Oracle e a Amazon WebServices(AWS),lançouasolução ERPOracleInTheCloud,uma implantação SaaS (Software as a Service) do JD Edwards EnterpriseOne. A solução compreende

Leia mais

Carga Horária 40 horas. Requisitos Servidor Oracle 10G Ferramenta para interação com o banco de dados

Carga Horária 40 horas. Requisitos Servidor Oracle 10G Ferramenta para interação com o banco de dados Oracle 10g - Workshop de Administração I Objetivos do Curso Este curso foi projetado para oferecer ao participante uma base sólida sobre tarefas administrativas fundamentais. Neste curso, você aprenderá

Leia mais

Instalação e Configuração IIS 7 + ColdFusion 8 32bits + Sql Server 2008 em Windows Server 2008 R2 64 bits

Instalação e Configuração IIS 7 + ColdFusion 8 32bits + Sql Server 2008 em Windows Server 2008 R2 64 bits Instalação e Configuração IIS 7 + ColdFusion 8 32bits + Sql Server 2008 em Windows Server 2008 R2 64 bits Documento de procedimento 1. Controle de versão Versão Data Responsável Descrição 2. Objetivo O

Leia mais

Serviços Técnicos de Campo

Serviços Técnicos de Campo Serviços Técnicos de Campo Advanta possui um amplo portfólio de serviços técnicos de campo disponível em todo o território nacional por meio de seu corpo técnico especializado. As competências multi-vendor

Leia mais

IBM Software Demos Rational Software Delivery Platform - Apresentação do cenário da demonstração

IBM Software Demos Rational Software Delivery Platform - Apresentação do cenário da demonstração As demonstrações desta seção apresentam um cenário do cotidiano de uma equipe de desenvolvimento usando o IBM Rational Software Delivery Platform. Esse é o novo nome do Rational Software Development Platform

Leia mais

IT SERVICES PORTFOLIO. SPEKTRUM IT Services Portfolio 1

IT SERVICES PORTFOLIO. SPEKTRUM IT Services Portfolio 1 IT SERVICES PORTFOLIO SPEKTRUM IT Services Portfolio 1 Ser a única no Brasil a ser certificada pela SAP, mostra como estamos à frente no que tange à transparência em todos os nossos processos e, especialmente,

Leia mais

CSI IT Solutions. WebReport2.5. Relatórios abertos. Acesso controlado Extensibilidade de módulos IMPACTO AMBIENTAL

CSI IT Solutions. WebReport2.5. Relatórios abertos. Acesso controlado Extensibilidade de módulos IMPACTO AMBIENTAL CSI IT Solutions 2.5 solução CSI PrintManager G e s t ã o d e A m b i e n t e d e I m p r e s s ã o O CSI dá aos gestores de TI o poder de uma gestão integral através do acesso fácil às informações gerenciais

Leia mais

Oracle Database 11g: Novos Recursos para Administradores

Oracle Database 11g: Novos Recursos para Administradores Oracle Database 11g: Novos Recursos para Administradores Course O11NFA 5 Day(s) 30:00 Hours Introduction Este curso de cinco dias oferece a você a oportunidade de conhecer e fazer exercícios com os novos

Leia mais

Infra-Estrutura de Software. Introdução. (cont.)

Infra-Estrutura de Software. Introdução. (cont.) Infra-Estrutura de Software Introdução (cont.) O que vimos Complexidade do computador moderno, do ponto de vista do hardware Necessidade de abstrações software Sistema computacional em camadas SO como

Leia mais

Copyright 2015 Mandic Cloud Solutions - Somos Especialistas em Cloud. www.mandic.com.br

Copyright 2015 Mandic Cloud Solutions - Somos Especialistas em Cloud. www.mandic.com.br Sumário 1. Boas vindas... 4 2. Dashboard... 4 3. Cloud... 5 3.1 Servidores... 5 o Contratar Novo Servidor... 5 o Detalhes do Servidor... 9 3.2 Cloud Backup... 13 o Alteração de quota... 13 o Senha do agente...

Leia mais

A SOLUÇÃO MAIS DETALHADA E EFICIENTE PARA DOCUMENTAÇÃO TOTAL DA INFORMAÇÃO DA EMPRESA E ANÁLISE DE IMPACTO NA INSTALAÇÃO EM AMBIENTE OS/390 OU zos

A SOLUÇÃO MAIS DETALHADA E EFICIENTE PARA DOCUMENTAÇÃO TOTAL DA INFORMAÇÃO DA EMPRESA E ANÁLISE DE IMPACTO NA INSTALAÇÃO EM AMBIENTE OS/390 OU zos A SOLUÇÃO MAIS DETALHADA E EFICIENTE PARA DOCUMENTAÇÃO TOTAL DA INFORMAÇÃO DA EMPRESA E ANÁLISE DE IMPACTO NA INSTALAÇÃO EM AMBIENTE OS/390 OU zos O DOCET é uma solução que integra toda a informação obtida

Leia mais

Maximo EAM GESTÃO INTELIGENTE DE ATIVOS

Maximo EAM GESTÃO INTELIGENTE DE ATIVOS Maximo EAM GESTÃO INTELIGENTE DE ATIVOS Herbert De Carvalho MAXIMO EAM Sales IBM Corporation Tivoli Software +55 11 2322.6738 (phone) +55 11 9 8134.3131 (cel) herbert.carvalho@br.ibm.com Agenda Introdução

Leia mais

Marcelo.augusto@Microsoft.com

Marcelo.augusto@Microsoft.com Marcelo.augusto@Microsoft.com Aplicativos Relatórios Painéis Consultas em linguagem natural Dispositivo móvel A plataforma de Dados da Microsoft Orquestração Gerenciamento de informações Processamento

Leia mais

IBM WebSphere DataStage

IBM WebSphere DataStage IBM WebSphere DataStage Os Desafios de Integração de Dados Integrar dados discrepantes entre aplicações e processos de negócio sempre foi uma tarefa difícil, e dado a explosão de dados que acontece na

Leia mais

CRManager. CRManager. TACTIUM CRManager. Guia de Funcionalidades. Versão 5.0 TACTIUM CRManager Guia de Funcionalidades. www.softium.com.

CRManager. CRManager. TACTIUM CRManager. Guia de Funcionalidades. Versão 5.0 TACTIUM CRManager Guia de Funcionalidades. www.softium.com. Tactium Tactium CRManager CRManager TACTIUM CRManager Guia de Funcionalidades 1 O TACTIUM CRManager é a base para implementar a estratégia de CRM de sua empresa. Oferece todo o suporte para personalização

Leia mais

BI: Um estudo de Oracle MÉLODY BALLOUARD (MAMB)

BI: Um estudo de Oracle MÉLODY BALLOUARD (MAMB) BI: Um estudo de Oracle MÉLODY BALLOUARD (MAMB) Roteiro Introdução Motivação Objetivos Historico Conceitos Arquitetura Estado da arte Exemplos Referências Introdução Quantidade infinita de dados Ferramentas

Leia mais

Apresentação do Portfólio da ITWV Soluções Inteligentes em Tecnologia

Apresentação do Portfólio da ITWV Soluções Inteligentes em Tecnologia P ORTFÓ FÓLIO Apresentação do Portfólio da ITWV Soluções Inteligentes em Tecnologia versão 1.1 ÍNDICE 1. A EMPRESA... 3 2. BI (BUSINESS INTELLIGENCE)... 5 3. DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS... 6 3.1. PRODUTOS

Leia mais

Plug and play options, integrating systems Opções de plug and play, integrando sistemas Flavio de Nadai

Plug and play options, integrating systems Opções de plug and play, integrando sistemas Flavio de Nadai Plug and play options, integrating systems Opções de plug and play, integrando sistemas Flavio de Nadai Plug & Play Options Integrating Systems Flávio De Nadai Desenvolvimento de Negócios Utilities & Telecom

Leia mais

UFRJ IM - DCC. Sistemas Operacionais I. Unidade I Introdução. 11/02/2014 Prof. Valeria M. Bastos

UFRJ IM - DCC. Sistemas Operacionais I. Unidade I Introdução. 11/02/2014 Prof. Valeria M. Bastos UFRJ IM - DCC Sistemas Operacionais I Unidade I Introdução 11/02/2014 Prof. Valeria M. Bastos 1 ORGANIZAÇÃO DA UNIDADE Introdução Conceituação de SO Funções Básicas Breve Histórico Tipos de SO Fundamentos

Leia mais

SOFTWARE INFORMAÇÕES GERAIS

SOFTWARE INFORMAÇÕES GERAIS SOFTWARE INFORMAÇÕES GERAIS O software EmiteCT-e, desenvolvido pela DF-e Tecnologia LTDA, é o produto destinado às empresas que emitem conhecimento de transporte eletrônico e processos relacionados. Operando

Leia mais

Sumário. Capítulo 2 Conceitos Importantes... 32 Tópicos Relevantes... 32 Instance... 33 Base de Dados... 36 Conclusão... 37

Sumário. Capítulo 2 Conceitos Importantes... 32 Tópicos Relevantes... 32 Instance... 33 Base de Dados... 36 Conclusão... 37 7 Sumário Agradecimentos... 6 Sobre o Autor... 6 Prefácio... 13 Capítulo 1 Instalação e Configuração... 15 Instalação em Linux... 15 Instalação e Customização do Red Hat Advanced Server 2.1... 16 Preparativos

Leia mais

5 Implantação. 5.1. Plano do Piloto

5 Implantação. 5.1. Plano do Piloto 5 Implantação Neste capítulo será abordada a fase de implantação do novo sistema de gerenciamento de conhecimento baseado em Web Semântica. O capítulo 4 (Desenvolvimento) modelou, arquitetou e desenvolveu

Leia mais

As Service Management Functions - SMFs

As Service Management Functions - SMFs As Service Management Functions - SMFs Última revisão feita em 13 de Setembro de 2007. Objetivo Estamos de volta com mais um artigo da nossa série, nesta sexta parte pretendo apresentar para vocês o conceito

Leia mais

Escrito por Daniel Donda Qui, 06 de Novembro de 2008 18:21 - Última atualização Qui, 06 de Novembro de 2008 18:47

Escrito por Daniel Donda Qui, 06 de Novembro de 2008 18:21 - Última atualização Qui, 06 de Novembro de 2008 18:47 Conhecendo o Event Viewer Muito importante na manutenção e monitoramento de servidores o Event Viewer é uma ferramenta que gera logs de eventos tudo o que ocorre no servidor. Como o sistema nunca para

Leia mais

Alcance maior eficiência operacional gerenciando seus ativos de todos os tipos em uma plataforma única.

Alcance maior eficiência operacional gerenciando seus ativos de todos os tipos em uma plataforma única. Soluções de gerenciamento de ativos Para suportar seus objetivos de negócios Alcance maior eficiência operacional gerenciando seus ativos de todos os tipos em uma plataforma única. Quando você utiliza

Leia mais

ESCOLHA A VERSÃO MAIS ADEQUADA PARA O SEU CENÁRIO. A plataforma MonitoraIT possui três versões: Standard (STD), Professional (PRO) e PREMIUM.

ESCOLHA A VERSÃO MAIS ADEQUADA PARA O SEU CENÁRIO. A plataforma MonitoraIT possui três versões: Standard (STD), Professional (PRO) e PREMIUM. ESCOLHA A VERSÃO MAIS ADEQUADA PARA O SEU CENÁRIO A plataforma MonitoraIT possui três versões: Standard (STD), Professional (PRO) e PREMIUM. A versão STD integra as funcionalidades essenciais de monitoramento.

Leia mais

SOLUÇÕES DA ELIPSE CONFEREM AGILIDADE À OPERAÇÃO E TOMADA DE DECISÕES NO COD DA ELEKTRO

SOLUÇÕES DA ELIPSE CONFEREM AGILIDADE À OPERAÇÃO E TOMADA DE DECISÕES NO COD DA ELEKTRO SOLUÇÕES DA ELIPSE CONFEREM AGILIDADE À OPERAÇÃO E TOMADA DE DECISÕES NO COD DA ELEKTRO Elipse Power e Elipse Plant Manager auxiliam uma das maiores distribuidoras de energia do Brasil a atender, de forma

Leia mais

Gestão dos Serviços de TI Uma Visão do Futuro. Rui Natal

Gestão dos Serviços de TI Uma Visão do Futuro. Rui Natal SUCESU-BA Gestão dos Serviços de TI Uma Visão do Futuro Rui Natal DE VOLTA AOS ANOS 70 E 80 CENÁRIO ATUAL DE TI Tolerância à variações no Serviço Orçamento e Staff de TI Complexidade de TI TEMPO QUAL

Leia mais

CSI IT Solutions. Facilidade de uso

CSI IT Solutions. Facilidade de uso CSI IT Solutions WebReport2 Gestão de Ambiente de Impressão O CSI WebReport dá aos gestores de TI o poder de uma gestão integral através do acesso fácil às informações gerenciais de impressões. O sistema

Leia mais

Resumo até aqui. Gerenciamento Proteção Compartilhamento. Infra-estrutura de Software

Resumo até aqui. Gerenciamento Proteção Compartilhamento. Infra-estrutura de Software Resumo até aqui Complexidade do computador moderno, do ponto de vista do hardware Necessidade de abstrações software Sistema computacional em camadas SO como uma máquina estendida abstrações SO como um

Leia mais

PAINEL MANDIC CLOUD. Mandic. Somos Especialistas em Cloud. Manual do Usuário

PAINEL MANDIC CLOUD. Mandic. Somos Especialistas em Cloud. Manual do Usuário Mandic. Somos Especialistas em Cloud. PAINEL MANDIC CLOUD Manual do Usuário 1 BEM-VINDO AO SEU PAINEL DE CONTROLE ESTE MANUAL É DESTINADO AO USO DOS CLIENTES DA MANDIC CLOUD SOLUTIONS COM A CONTRATAÇÃO

Leia mais

Agenda. Intro Migrando de relatório para uma solução de BI Under the Hood Operação e Lições aprendidas

Agenda. Intro Migrando de relatório para uma solução de BI Under the Hood Operação e Lições aprendidas Agenda Intro Migrando de relatório para uma solução de BI Under the Hood Operação e Lições aprendidas FALAR da SAMBA FALAR da SAMBA HACKWEEKS Reporting & Analytics No Início - Report Fornecer informações

Leia mais

Especificação Técnica Sistema ABS TEM+

Especificação Técnica Sistema ABS TEM+ Especificação Técnica Sistema ABS TEM+ A solução ABS TEM+ desenvolvida pela Vergence é baseada no conceito de TEM (Telecom Expenses Management), o qual visa a aplicação de melhoras em relação à tecnologia,

Leia mais

www.lanuniversity.com.br MCTS SHAREPOINT 2010, CONFIGURING Um exame para obter a Certificação completa

www.lanuniversity.com.br MCTS SHAREPOINT 2010, CONFIGURING Um exame para obter a Certificação completa www.lanuniversity.com.br MCTS SHAREPOINT 2010, CONFIGURING Um exame para obter a Certificação completa 10174B - Configuring and Administering Microsoft SharePoint 2010 Exame 70-667 Módulo 1: Introdução

Leia mais

UFRJ IM - DCC. Sistemas Operacionais I

UFRJ IM - DCC. Sistemas Operacionais I UFRJ IM - DCC Sistemas Operacionais I Unidade I 18/9/2009 Prof. Antonio Carlos Gay Thomé Prof. Aux. Simone Markenson Pech 1 ORGANIZAÇÃO DA UNIDADE Conceituação de SO Funções Básicas Breve Histórico Tipos

Leia mais

MSc Eliton Smith elitonsmith@gmail.com. Gerenciamento e Administração de Redes

MSc Eliton Smith elitonsmith@gmail.com. Gerenciamento e Administração de Redes MSc Eliton Smith elitonsmith@gmail.com Gerenciamento e Administração de Redes 2 Gerência de Redes ou Gerenciamento de Redes É o controle de qualquer objeto passível de ser monitorado numa estrutura de

Leia mais

Lista de Exercícios 01: ITIL Prof. Fernando Pedrosa

Lista de Exercícios 01: ITIL Prof. Fernando Pedrosa Lista de Exercícios 01: ITIL Prof. Fernando Pedrosa Canais: fpedrosa@gmail.com http://tinyurl.com/ycekmjv INMETRO - Infraestrutura - (CESPE 2009) 81 Gerenciamento de nível de serviço é uma forma de entrega

Leia mais

ANEXO III - REQUISITOS TÉCNICOS (O presente documento não reflete, necessariamente, com exatidão o conteúdo do Edital a ser publicado posteriormente)

ANEXO III - REQUISITOS TÉCNICOS (O presente documento não reflete, necessariamente, com exatidão o conteúdo do Edital a ser publicado posteriormente) 1 ANEXO III - REQUISITOS TÉCNICOS (O presente documento não reflete, necessariamente, com exatidão o conteúdo do Edital a ser publicado posteriormente) A SOLUÇÃO deverá atender obrigatoriamente aos requisitos

Leia mais

How TO: Recuperar ficheiros do Sharepoint - A forma fácil

How TO: Recuperar ficheiros do Sharepoint - A forma fácil How TO: Recuperar ficheiros do Sharepoint - A forma fácil INTRODUÇÃO Se quiser espalhar o pânico pelo Departamento de TI da sua empresa diga-lhes que apagou um documento do site de SharePoint e precisa

Leia mais

VISUAL STUDIO TEAM SYSTEM IMPLANTAÇÃO DA SUITE DE FERRAMENTAS

VISUAL STUDIO TEAM SYSTEM IMPLANTAÇÃO DA SUITE DE FERRAMENTAS UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO CENTRO DE INFORMÁTICA VISUAL STUDIO TEAM SYSTEM IMPLANTAÇÃO DA SUITE DE FERRAMENTAS PARA APOIO AO PROCESSO DE DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE

Leia mais

Software AG. Digitalização dos Serviços Públicos. Luiz Mariotto VP Soluções e Tecnologia. 2013 Software AG. All rights reserved.

Software AG. Digitalização dos Serviços Públicos. Luiz Mariotto VP Soluções e Tecnologia. 2013 Software AG. All rights reserved. Software AG Digitalização dos Serviços Públicos Luiz Mariotto VP Soluções e Tecnologia COLLABORATIVE PROCESS ANALYSIS PORTFOLIO MANAGEMENT PROCESS AUTOMATION AND INTEGRATION INTELLIGENT BUSINESS OPERATIONS

Leia mais

Gerência da Informação nos Processos de Automação Industrial

Gerência da Informação nos Processos de Automação Industrial Gerência da Informação nos Processos de Automação Industrial Programa de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica Redes Industriais Professor Affonso Alessandro J. de Souza / Affonso Guedes Objetivos Discorrer

Leia mais

Gerenciamento unificado de recuperação de dados

Gerenciamento unificado de recuperação de dados IBM Software Thought Leadership White Paper Gerenciamento unificado de recuperação de dados Reduzindo risco e custo mediante a simplificação da infraestrutura de recuperação de dados 2 Gerenciamento unificado

Leia mais

Desenvolvendo aplicações

Desenvolvendo aplicações Desenvolvendo aplicações Sobre Adriano Bertucci Email: adriano@bertucci.com.br Twitter: @adrianobertucci Técnico: www.bertucci.com.br Consultoria e Serviços: www.fcamara.com.br Agenda Software + Serviços

Leia mais

Apresentação Institucional

Apresentação Institucional Apresentação Sobre a OpServices Fabricante de software focada no gerenciamento de ambientes de TI e Telecom e processos de negócios. Mais de 12 anos de experiência no monitoramento de indicadores de infraestrutura;

Leia mais

Como manter uma rede com qualidade de serviço? Gerência de Rede. Visão Geral da Gerência de Redes. Importância de gerência de Redes. Cont.

Como manter uma rede com qualidade de serviço? Gerência de Rede. Visão Geral da Gerência de Redes. Importância de gerência de Redes. Cont. Gerência de Rede A importância estratégica crescente das redes envolve: Aplicações indispensáveis à organização Quanto mais complexo o ambiente maior o risco de coisas erradas acontecerem. Como manter

Leia mais

Seu dia é mais inteligente

Seu dia é mais inteligente Seu dia é mais inteligente O 2007 Microsoft Office system é uma plataforma de soluções inteligentes para tarefas operacionais, estratégicas e organizacionais. O conjunto de aplicativos e servidores e a

Leia mais

Q-flow 2.2. Código de Manual: Qf22007POR Versão do Manual: 3.1 Última revisão: 21/10/2005 Aplica-se a: Q-flow 2.2. Sizing

Q-flow 2.2. Código de Manual: Qf22007POR Versão do Manual: 3.1 Última revisão: 21/10/2005 Aplica-se a: Q-flow 2.2. Sizing Q-flow 2.2 Código de Manual: Qf22007POR Versão do Manual: 3.1 Última revisão: 21/10/2005 Aplica-se a: Q-flow 2.2 Sizing Qf22007POR v3.1 Q-flow Sizing Urudata Software Rua Canelones 1370 Segundo Andar CP11200

Leia mais

Microsoft System Center Operations Manager 2007

Microsoft System Center Operations Manager 2007 Microsoft System Center Operations Manager 2007 Visão Geral Microsoft Corporation Publicado: 18 de dezembro de 2006 Atualizado: 5 de abril de 2007 Sumário Executivo O System Center Operations Manager 2007

Leia mais

XDOC. Solução otimizada para armazenamento e recuperação de documentos

XDOC. Solução otimizada para armazenamento e recuperação de documentos XDOC Solução otimizada para armazenamento e recuperação de documentos ObJetivo Principal O Que você ACHA De ter Disponível Online todos OS Documentos emitidos por SUA empresa em UMA intranet OU Mesmo NA

Leia mais

Escola Politécnica da USP MBA EPUSP em Gestão e Engenharia do Produto EP-018 O Produto Internet e suas Aplicações Professor: Márcio Lobo Netto Aluno:

Escola Politécnica da USP MBA EPUSP em Gestão e Engenharia do Produto EP-018 O Produto Internet e suas Aplicações Professor: Márcio Lobo Netto Aluno: Escola Politécnica da USP MBA EPUSP em Gestão e Engenharia do Produto EP-018 O Produto Internet e suas Aplicações Professor: Márcio Lobo Netto Aluno: Giovanni Pietro Vallone Cocco Portais Corporativos

Leia mais