PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO OPERADOR DE COMPUTADORES

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO OPERADOR DE COMPUTADORES"

Transcrição

1 Ministéri da Educaçã - MEC Secretaria de Educaçã Prfissinal e Tecnlógica (SETEC) Institut Federal de Educaçã, Ciência e Tecnlgia d Ceará PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO OPERADOR DE COMPUTADORES 1

2 Ministéri da Educaçã - MEC Secretaria de Educaçã Prfissinal e Tecnlógica (SETEC) Institut Federal de Educaçã, Ciência e Tecnlgia d Ceará Autrizad pela Resluçã n... d Cnselh Superir - IFCE FORTALEZA-CE

3 CRÉDITOS Presidente Dilma Vana Russeff Ministr da Educaçã Alizi Mercadante Oliva Secretaria de Educaçã Prfissinal e Tecnlógica Marc Antni de Oliveira Reitr d IFCE Virgili August Sales Araripe Pró-Reitr de Extensã Zandra Maria Ribeir Mendes Dumaresq Pró-Reitr de Ensin Reuber Saraiva de Santiag Pró-Reitr de Administraçã Tássi Francisc Lfti Mats Pró-Reitr de Pesquisa, Pós Graduaçã e Invaçã Auzuir Ripard de Alenxandria Crdenadr Adjunt - Reitria Armênia Chaves Fernandes Vieira Supervisã - Reitria André Mnteir de Castr Daniel Ferreira de Castr Crdenadr Adjunt - Campus Frtaleza Fabi Alencar Mendnça Supervisres Daniel Gurgel Pinheir Francisca Margareth Gmes de Araúj Francisc Alexandre de Suza Gerge Cajazeiras Silveira Jsé Rbert Bezerra Nild Dias ds Sants Orientadres Debrah Almeida Sampai Antôni Indaléci Feitsa Diagramaçã Francisc Emanuel Ferreira Marian Diretr Geral Campus Frtaleza Antni Mises Filh de Oliveira Mta Diretr de Ensin Campus Frtaleza Jsé Eduard Suza Basts Crdenadr Geral Reitria Jse Wally Mendnça Menezes 3

4 Sumári 1. IDENTIFICAÇÃO DO PROJETO CARACTERÍSTICAS DO CURSO ESTRUTURA E FUNCIONAMENTO Justificativa da ferta d Curs Objetivs Geral Específics Perfil prfissinal de Cnclusã Prcediments metdlógics Métd de avaliaçã Critéris de aprvaçã Organizaçã Curricular Ementas ds Cmpnentes Curriculares

5 1. IDENTIFICAÇÃO DO PROJETO PROCESSO NÚMERO: NOME DO CURSO: Operadr de Cmputadres EIXO TECNOLÓGICO: Infrmaçã e Cmunicaçã COORDENAÇÃO: Crdenadr: Fábi Alencar Mendnça Telefne: Supervisr: Jsé Rbert Bezerra Telefne: (85) LOCAL DE REALIZAÇÃO/CÂMPUS (endereç): IFCE/Campus de Frtaleza (Av. 13 de Mai, 2081 Benfica) TEL: (85) HOME-PAGE: COMISSÃO RESPONSÁVEL PELA ELABORAÇÃO DO PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO: Fábi Alencar (Crdenadr) Armênia Chaves(Pedagga) Dieg Guimarães de Barrs (Prfessr) 5

6 2 - CARACTERÍSTICAS DO CURSO Nível: Frmaçã Inicial e Cntinuada de Trabalhadres FIC. Mdalidade: Frmaçã Inicial. Frma de Oferta: Presencial. Temp de duraçã d curs: Quatr meses. Turn de ferta: Diurn Hrári de ferta d curs: 14h às 18h. Carga hrária Ttal: 200h Númer máxim de vagas d curs: 30 Númer mínim de vagas d curs: Requisits de acess a Curs: Ensin Fundamental cncluíd, Frmulári de matrícula, Term de cmprmiss, Dcumentaçã que cmprve atendiment as pré-requisits d curs (esclaridade, residência RG e CPF). 6

7 3. ESTRUTURA E FUNCIONAMENTO Justificativa da ferta d Curs Este curs fi prpst tend em vista a necessidade de capacitar prfissinais de Operaçã de cmputadres para atuar n mercad de trabalh na utilizaçã de recurss cm sftware, cm editres de text, editres de planilhas eletrônicas e editres de apresentaçã e navegadres web dand cnheciment técnic suficiente para a utilizaçã destes sftwares em ambientes administrativs em geral. A frmaçã deste prfissinal supõe dmíni das cmpetências previstas n perfil prfissinal de cnclusã. O currícul fi rganizad cm base ns bjetivs gerais e específics e prevend situações que levem participante a mbilizar e articular cnheciments, habilidades e valres em níveis crescentes de cmplexidade. 3.2 Objetivs Geral Desenvlver a rganizaçã d trabalh n segment de infrmática, administraçã ds recurss d cmputadr e d sistema peracinal, bem cm seus sftwares e principais aplicativs, cnsiderand ainda valres étics, pstura prfissinal de respeit n cnvívi e n estabeleciment de relações interpessais harmnisas, valrizand e a qualidade da prestaçã ds serviçs Específics Cmpreender s cnceits iniciais da infrmática Cmpreender a peraçã das partes básicas de um cmputadr Utilizar sistema peracinal, juntamente cm seus aplicativs. Diferenciar hardware e sftware Cmpreender funcinament básic da internet Saber navegar na internet e realizar pesquisas utilizand as principais ferramentas Saber realizar cadastrs Utilizar de frma cmpleta crrei eletrônic Aprender a trabalhar cm editres de text 7

8 Digitar texts e mdels de dcuments em temp hábil Aprender a criar, editar e frmatar texts. Aprender a trabalhar cm editres de planilha eletrônica Aplicar fórmulas diversas em planilhas Cmpreender funcinament de uma pasta cm planilhas eletrônicas Aprender a criar, editar e frmatar planilhas eletrônicas. Dar suprte e manutençã a planilhas já prntas Aprender a criar e editar apresentações eletrônicas Perfil prfissinal de Cnclusã O Operadr de Cmputadr é prfissinal d seguiment da infrmática que sabe utilizar cmputadr e suas ferramentas fundamentais, tais cm editres de text, planilhas eletrônicas e editres de apresentaçã. Sabe utilizar a internet e seus recurss cm habilidade, sempre visand funcinalidades imprtantes para mercad de trabalh de uma maneira ampla. Cmpreende, mantém e prpõe sluções cmputacinais, utilizand as ferramentas citadas anterirmente. Atua em empresas e/u cm autônm. Exerce suas atividades cm criatividade, fidedignidade nas infrmações, capacidade de cmunicaçã e de negciaçã, cm qualidade e ética prfissinal. 3.4 Prcediments metdlógics A metdlgia adtada deverá ser adequada a prcess de cnstruçã d cnheciment, aliada a desenvlviment da habilidade n us das ferramentas. Serã utilizadas situações de aprendizagem que prmvam desenvlviment da capacidade de racicíni d alun, de md que este se clque cm sujeit d prcess de ensin e de aprendizagem. Nesta perspectiva, serã privilegiadas as seguintes técnicas: expsiçã dialgada, demnstraçã, pesquisas e prática supervisinada em labratóri. 8

9 3.5 Métd de avaliaçã A final de cada módul alun participará de uma avaliaçã que medirá seus cnheciments teórics e prátics sbre cnteúd vist em aula. Cada questã da prva vale até 5 pnts a final alun pderá receber s seguintes valres cm nta: ótim, bm, razável, ruim, precisa melhrar. Tend em vista que alun receberá uma nta para a parte prática e para a parte teórica da avaliaçã. 3.6 Critéris de aprvaçã A avaliaçã da aprendizagem dar-se-á pr bjetivs específics e será materializada ns cnceits. Prvas bjetivas práticas e teóricas; Aplicaçã de trabalhs; Avaliaçã pr participaçã nas aulas. O alun será cnsiderad apt à qualificaçã e certificaçã desde que tenha aprveitament cm frequência mair u igual a 75% em cada cmpnente curricular Organizaçã Curricular A rganizaçã curricular, deste curs, cnsidera a legislaçã vigente, em especial as Diretrizes Curriculares Nacinais para a Educaçã Prfissinal de Nível Técnic instituídas pela Resluçã CNE/CEB nº 04/99 e Decret 5154/2004, que trata da Educaçã Prfissinal. Cmpnentes Curriculares Carga Hrária (hra relógi) Carga hrária (hra aula) Nº aulas na semana Intrduçã a infrmática 12h 12h 12 Sistema Operacinal 12h 12h 12 Fundaments de internet 48h 48h 12 Editr de text 48h 48h 12 Editr de planilhas 60h 60h 12 Editr de Apresentações 20h 20h 12 Ttal 200h 200h 9

10 3.8 - Ementas ds Cmpnentes Curriculares IFCE Campus F rtaleza Curs: Operadr de cmputadr Eix T ecnlógic: Cmunicaçã e Infrmaçã Cmpnente Curricular: Intrduçã à infrm ática Carga Hrária ( 1 2 h ) : Mdalidade: FIC Ementa: Intrduçã Pr que utilizar cmputadres? Tecnlgia assciada as cmputadres Nções de Hardware Nções de Sftware Hardware Cmpnentes de um sistema cmputacinal CPU Memória Dispsitivs de E/S Periférics Teclad e muse Impressra e Scanner Sftware Livre e Prprietári Diferenças Exempls de us Pr que usar sftware livre? Pr que usar sftware prprietári? 10

11 Referência Básica:. RAMALHO, Jsé Antôni. Intrduçã à Infrmática: Teria e Prática. Sã Paul: Berkeley Brasil, Jerry Jyce e Marianne Mn, Windws 7: Um Guia Prátic, Simples e Clrid!, Bkman ANDY RATHBONE, Windws 7 Para Leigs, Alta bks, Referência Cmplementar: - ROSZAK, Thedre - "O Cult da Infrmaçã", Editra Brasiliense,

12 IFCE Campus F rtaleza Curs: Operadr de cmputadr Eix T ecnlógic: Cmunicaçã e Infrmaçã Cmpnente Curricular: Intrduçã à infrm ática Carga Hrária ( 1 2 h ) : Mdalidade: FIC Ementa: Windws 7 Sistema Operacinal (Windws 7) Identificand cmpnentes Área de trabalh Manipuland arquivs e pastas Acessóris I WrdPad e nções de digitaçã Cpiar, recrtar e clar. Digitand um text Editand um text Paint Criand desenhs e frmas Ubuntu Cnhecend a interface Inicializand prgramas Cmparand s elements cm Windws 7 Persnalizand ambiente gráfic Acessóris II Cnhecend gerenciadr de arquivs Nautilus Ferramentas adicinais Editres de text simples 12

13 Referência Básica:. RAMALHO, Jsé Antôni. Intrduçã à Infrmática: Teria e Prática. Sã Paul: Berkeley Brasil, Jerry Jyce e Marianne Mn, Windws 7: Um Guia Prátic, Simples e Clrid!, Bkman ANDY RATHBONE, Windws 7 para Leigs, Alta bks, Referência Cmplementar: - ROSZAK, Thedre - "O Cult da Infrmaçã", Editra Brasiliense,

14 IFCE Campus de Frta leza Curs: Operadr de cmputadr Eix T ecnlógic: Cmunicaçã e Infrmaçã Cmpnente Curricular: Fundaments da Internet Carga Hrária ( 4 8 h ) : Mdalidade: FIC Ementa: O que é a Internet? Cnceit Nções de funcinament e rigem Utilizaçã da Internet Recurss necessáris Navegadr Us ds navegadres Diferença entre s navegadres Segurança O que é segurança? Pragas virtuais e métds de prteçã Cm prteger senhas e infrmações pessais Buscas na Internet Sites de busca Cm buscas Buscand imagens Outras Ferramentas Mensagens instantâneas Tradutres Enciclpédias nline 14

15 Redes Sciais O que é uma rede scial? Principais redes sciais atuais Cadastr de uma rede scial Trcand mensagens Referência Básica: CASTELLS, Manuel - "A Galáxia da Internet - reflexões sbre a Internet, s negócis e a sciedade", Editra Jrge Zahar, Aguinald Luis Pires, Treinament Básic de Internet, Visual Bk Referência Cmplementar: MONTEIRO, Mári A. Intrduçã à rganizaçã de cmputadres. Ri de Janeir: LTC, SORJ, Bernard - - a luta cntra a desigualdade na sciedade da infrmaçã", Editra Jrge Zahar,

16 IFCE Campus de Frta leza Curs: Operadr de cmputadr Eix T ecnlógic: Cmunicaçã e Infrmaçã Cmpnente Curricular: Editres de text Carga Hrária ( 4 8 h ) Mdalidade: FIC Ementa: Editres de Text Cmands básics Primeir text Cpiar, clar e pincel Opções de frmataçã Opções de parágraf Lcalizar e substituir um text Cres e estils Menu Inserir Inserir uma flha de rst e páginas Imagens e cliparts Cabeçalhs e rdapés Menu Frmatar Página Marcadres e numeraçã Clunas Menu Tabela Exempls de us Linhas, clunas e células. Grade Fórmulas básicas 16

17 Referência Básica: MANZANO, André Luiz N. G, MANZANO, Maria Izabel N. G. Estud Dirigid de Micrsft Office Wrd Sã Paul: Érica, William Braga, Infrmática Elementar Wrd 2007, Sã Paul: Alta Bks, Najet M. K. Iskandar Issa, Wrd 2007, Sã Paul: Senac Referência Cmplementar: Página de treinament d Micrsft Office 2007, em 17

18 IFCE Campus de Frta leza Curs: Operadr de cmputadr Eix T ecnlógic: Cmunicaçã e Infrmaçã Cmpnente Curricular: Planilhas eletrônicas Carga Hrária: (60 h) Mdalidade: FIC Ementa: Apresentand editr de Planilhas Interface d Excel 2007 Cnceits básics de planilhas Linhas, clunas, células, célula ativa, pasta e flha. Navegaçã entre células, seleçã e ediçã. Abrir e salvar planilhas. Ediçã de uma Planilha Eletrônica Ajustar largura das clunas, mesclar células, limpar células; Mdificand a aparência; Visualizaçã de impressã; Inserind linhas e clunas; Frmatações predefinidas. Brdas Trabalhand cm células e fórmulas Operações matemáticas; Funções x Fórmulas. Inserir funções. Referência relativa Referência absluta Referência Mista Média 18

19 Planilha estatística Funçã: Mínim e Máxim; Funçã Mair e Menr; Exercícis. Referência Básica: LAMBERT, Steve et al. Micrsft Office System 2007 Pass a Pass. Prt Alegre: Artmed, MANZANO, André Luiz N. G. Estud Dirigid de Micrsft Office Excel Sã Paul: Érica, 2007 JESUS, Pedr Filipe C. Manual Prátic Micrsft Excel Abril, Referência Cmplementar: Página de treinament d Micrsft Office 2007, em HA aspx 19

20 Curs: Operadr de cmputadr IFCE Campus de Frtaleza Eix T ecnlógic: Cmunicaçã e Infrmaçã Cmpnente Curricular: Editr de apresentações Carga Hrária: (20 h) Mdalidade: FIC Ementa: Intrduçã a apresentações Pr que usar uma apresentaçã? Área de trabalh Editand text n slide Adicinand e excluind Slides Plan de Fund Design e Layut Temp de exibiçã Salvand e abrind sua apresentaçã Slide Mestre Editand Slide Mestre Espaçament entre linhas Alterand caixa de text Alterand marcadres e numeradres Tips de layut Layut Titul e Diagrama u rgangrama; Layut Titul e Tabela; Layut Titul e Gráfic; Layut Titul, text e clip-art; Usand aut frmas; WrdArt. 20

21 Efeits e animações Adicinad Efeits de transiçã Usand a ferramenta animar Inserind sm e víde nas apresentações. Referência Básica: William Braga, Infrmática Elementar Pwer Pint 2007, Sã Paul: Alta Bks, Referência Cmplementar: Página de treinament d Micrsft Office 2007, em 21

PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO OPERADOR DE COMPUTADORES

PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO OPERADOR DE COMPUTADORES Ministéri da Educaçã - MEC Secretaria de Educaçã Prfissinal e Tecnlógica (SETEC) Institut Federal de Educaçã, Ciência e Tecnlgia d Ceará PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO OPERADOR DE COMPUTADORES Ministéri da

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO INSTALADOR DE REDES DE TV A CABO E VIA SATÉLITE

PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO INSTALADOR DE REDES DE TV A CABO E VIA SATÉLITE Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (SETEC) Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO INSTALADOR DE REDES DE TV

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO ADMINISTRADOR DE BANCO DE DADOS

PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO ADMINISTRADOR DE BANCO DE DADOS Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (SETEC) Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO ADMINISTRADOR DE BANCO DE

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO DE INICIAÇÃO PROFISSIONAL

REGULAMENTO DE ESTÁGIO DE INICIAÇÃO PROFISSIONAL REGULAMENTO DE ESTÁGIO DE INICIAÇÃO PROFISSIONAL Intrduçã O presente Regulament cnstitui um dcument intern d curs de Ciências Cntábeis e tem pr bjetiv reger as atividades relativas a Estági de Iniciaçã

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO www.passencncurs.cm.br Infrmações sbre Cncurs Inscrições: 10/11/2014 a 07/12/2014 Carg: Auxiliar de Secretaria Taxa de Inscriçã: R$ 50,00 Salári/Remuneraçã: R$ 800,85 Nº Vagas: 29 + 40 Cadastr de Reserva

Leia mais

INTRODUÇÃO A LOGICA DE PROGRAMAÇÃO

INTRODUÇÃO A LOGICA DE PROGRAMAÇÃO INTRODUÇÃO A LOGICA DE PROGRAMAÇÃO A Lógica de Prgramaçã é necessária à tdas as pessas que ingressam u pretendem ingressar na área de Tecnlgia da Infrmaçã, send cm prgramadr, analista de sistemas u suprte.

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA SUITE LIBREOFFICE: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE TREINAMENTO

TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA SUITE LIBREOFFICE: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE TREINAMENTO Term de Referência Anex I - Especificaçã técnica Cntrataçã de Empresa para prestaçã de Serviçs de Treinament na suíte Libreffice TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA SUITE LIBREOFFICE: CONTRATAÇÃO

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO www.passencncurs.cm.br Infrmações sbre Cncurs Inscrições: 23/11/2014 a 18/12/2014 Carg: Técnic de Nível Superir: Ciências Cntábeis Taxa de Inscriçã: R$ 60,00 Salári/Remuneraçã: R$ 4.232,00 Nº Vagas: 01

Leia mais

HARDWARE e SOFTWARE. O Computador é composto por duas partes: uma parte física (hardware) e outra parte lógica (software).

HARDWARE e SOFTWARE. O Computador é composto por duas partes: uma parte física (hardware) e outra parte lógica (software). HARDWARE e SOFTWARE O Cmputadr é cmpst pr duas partes: uma parte física (hardware) e utra parte lógica (sftware). Vcê sabe qual é a diferença entre "Hardware" e "Sftware"? Hardware: é nme dad a cnjunt

Leia mais

Faculdade de Tecnologia SENAI Florianópolis e Faculdade de Tecnologia SENAI Jaraguá do Sul EDITAL DE PROCESSO SELETIVO

Faculdade de Tecnologia SENAI Florianópolis e Faculdade de Tecnologia SENAI Jaraguá do Sul EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Faculdade de Tecnlgia SENAI Flrianóplis e Faculdade de Tecnlgia SENAI Jaraguá d Sul EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Pós-Graduaçã Lat Sensu em Gestã da Segurança da Infrmaçã em Redes de Cmputadres A Faculdade

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO www.passencncurs.cm.br Infrmações sbre Cncurs Inscrições: 31/12/2014 a 15/02/2015 Carg: Analista de Gestã Administrativa: Elabraçã e Análise de Prcesss Taxa de Inscriçã: R$ 110,00 Salári/Remuneraçã: R$

Leia mais

Academia FI Finanças

Academia FI Finanças Academia FI Finanças A Academia é melhr caminh para especializaçã dentr de um tema n ERP da SAP. Para quem busca uma frmaçã cm certificaçã em finanças, mais indicad é participar da próxima Academia de

Leia mais

Cursos Profissionais de Nível Secundário (Decreto-Lei n.º 74/2004, de 26 de Março)

Cursos Profissionais de Nível Secundário (Decreto-Lei n.º 74/2004, de 26 de Março) REFERENCIAL DE FORMAÇÃO Curss Prfissinais de Nível Secundári (Decret-Lei n.º 74/2004, de 26 de Març) Família Prfissinal: 07 - Infrmática 1. QUALIFICAÇÕES / SAÍDAS PROFISSIONAIS As qualificações de nível

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO www.passencncurs.cm.br Infrmações sbre Cncurs Inscrições: 23/11/2014 a 18/12/2014 Carg: Técnic de Nível Superir: Administraçã Taxa de Inscriçã: R$ 60,00 Salári/Remuneraçã: R$ 4.232,00 Nº Vagas: 02 Data

Leia mais

1. Objetivo Geral. Página 1 de 5 CURSO LEADER COACH BELÉM. SESI Serviço Social da Indústria. IEL Instituto Euvaldo Lodi

1. Objetivo Geral. Página 1 de 5 CURSO LEADER COACH BELÉM. SESI Serviço Social da Indústria. IEL Instituto Euvaldo Lodi O país d futur parece estar chegand para muits brasileirs que investiram em qualidade e prdutividade prfissinal, empresarial e pessal ns últims ans. O gigante adrmecid parece estar despertand. Dads d Centr

Leia mais

CURSO PREPARATÓRIO PARA CERTIFICAÇÃO

CURSO PREPARATÓRIO PARA CERTIFICAÇÃO Cnteúd prgramátic CURSO PREPARATÓRIO PARA CERTIFICAÇÃO Este é cnteúd prgramátic d curs preparatóri n nv prgrama CDO-0001 para a certificaçã CmpTIA CDIA+. CONCEITUAL ECM Apresentaçã ds cnceits envlvids

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO www.passencncurs.cm.br Infrmações sbre Cncurs Inscrições: 20/10/2014 a 20/11/2014 Carg: Auxiliar Administrativ Taxa de Inscriçã: R$ 45,00 Salári/Remuneraçã: R$ 1.100,00 Nº Vagas: 50 Data da Prva: 07/12/2014

Leia mais

Plano de aulas 2010 1ª série 1ª aula 2ª etapa

Plano de aulas 2010 1ª série 1ª aula 2ª etapa Plan de aulas 2010 1ª série 1ª aula 2ª etapa Escla Clégi Eng Juarez Wanderley Prfessr Fernand Nishimura de Aragã Disciplina Infrmática Objetivs Cnstruçã de um website pessal para publicaçã de atividades

Leia mais

Faculdade de Tecnologia SENAI Florianópolis e Faculdade de Tecnologia SENAI Jaraguá do Sul EDITAL DE PROCESSO SELETIVO

Faculdade de Tecnologia SENAI Florianópolis e Faculdade de Tecnologia SENAI Jaraguá do Sul EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Faculdade de Tecnlgia SENAI Flrianóplis e Faculdade de Tecnlgia SENAI Jaraguá d Sul EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Pós-Graduaçã Lat Sensu MBA em Gestã de Prjets A Faculdade de Tecnlgia SENAI/SC em Flrianóplis

Leia mais

INSTITUTO SUPERIOR POLITÉCNICO DE VISEU ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE LAMEGO EDITAL

INSTITUTO SUPERIOR POLITÉCNICO DE VISEU ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE LAMEGO EDITAL EDITAL CANDIDATURA AOS CURSOS TÉCNICOS SUPERIORES PROFISSIONAIS (CTeSP) 2015 CONDIÇÕES DE ACESSO 1. Pdem candidatar-se a acess de um Curs Técnic Superir Prfissinal (CTeSP) da ESTGL tds s que estiverem

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO www.passencncurs.cm.br Infrmações sbre Cncurs Inscrições: 10/10/2014 a 07/11/2014 Carg: Assessr: Administraçã Taxa de Inscriçã: R$ 187,45 Salári/Remuneraçã: R$ 9.897,27 Nº Vagas: 01 Data da Prva: nã definida

Leia mais

CURSO DE FISIOTERAPIA Autorizado pela Portaria nº 377 de 19/03/09 DOU de 20/03/09 Seção 1. Pág. 09 PLANO DE CURSO

CURSO DE FISIOTERAPIA Autorizado pela Portaria nº 377 de 19/03/09 DOU de 20/03/09 Seção 1. Pág. 09 PLANO DE CURSO Faculdade Independente d Nrdeste Credenciada pela Prtaria MEC 1.393, de 04/07/2001 publicada n D.O.U. de 09/07/2001. CURSO DE FISIOTERAPIA Autrizad pela Prtaria nº 377 de 19/03/09 DOU de 20/03/09 Seçã

Leia mais

CURSO DE ENFERMAGEM Reconhecido pela Portaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12 Seção 1. Pág. 20

CURSO DE ENFERMAGEM Reconhecido pela Portaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12 Seção 1. Pág. 20 Faculdade Independente d Nrdeste Credenciada pela Prtaria MEC 1.393, de 04/07/2001 publicada n D.O.U. de 09/07/2001. CURSO DE ENFERMAGEM Recnhecid pela Prtaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO www.passencncurs.cm.br Infrmações sbre Cncurs Inscrições: 24/11/2014 a 15/12/2014 Carg: Técnic em Cntabilidade Taxa de Inscriçã: R$ 40,00 Salári/Remuneraçã: R$ 2.835,16 Nº Vagas: 02 Data da Prva: 18/01/2015

Leia mais

PLANO DE ENSINO 2009 Médio Profissionalizante ( ) Profissionalizante ( )

PLANO DE ENSINO 2009 Médio Profissionalizante ( ) Profissionalizante ( ) Fundamental I ( ) Fundamental II ( ) Médi PLANO DE ENSINO 2009 Médi Prfissinalizante ( ) Prfissinalizante ( ) Graduaçã ( x ) Pós-graduaçã ( ) I. Dads Identificadres Curs Superir de Tecnlgia em Gestã Ambiental

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO www.passencncurs.cm.br Infrmações sbre Cncurs Inscrições: 18/10/2014 a 30/11/2014 Carg: Agente de Api Técnic Taxa de Inscriçã: R$ 55,00 Salári/Remuneraçã: R$ 958,76 Nº Vagas: 12 Data da Prva: 01/02/2015

Leia mais

Reconhecer as ferramentas de sistemas de informação e seu uso na gestão empresarial;

Reconhecer as ferramentas de sistemas de informação e seu uso na gestão empresarial; CURSO: ADMINISTRAÇÃO SEMESTRE: 5 DISCIPLINA: ADMINISTRAÇÃO DE CARGA HORARIA: 80 HORAS / AULAS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Ementári: Nções de sistemas de infrmaçã e seus cmpnentes, seus tips e principais aplicações

Leia mais

CURSO DE ENFERMAGEM Reconhecido pela Portaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12 Seção 1. Pág. 20

CURSO DE ENFERMAGEM Reconhecido pela Portaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12 Seção 1. Pág. 20 Faculdade Independente d Nrdeste Credenciada pela Prtaria MEC 1.393, de 04/07/2001 publicada n D.O.U. de 09/07/2001. CURSO DE ENFERMAGEM Recnhecid pela Prtaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12

Leia mais

1 Criando uma conta no EndNote

1 Criando uma conta no EndNote O EndNte Basic (anterirmente cnhecid pr EndNte Web), é um sftware gerenciadr de referências desenvlvid pela Editra Thmsn Reuters. Permite rganizar referências bibligráficas para citaçã em artigs, mngrafias,

Leia mais

CRONOGRAMA DELPHI para turmas Aproximadamente 84 horas - aulas de 2 horas

CRONOGRAMA DELPHI para turmas Aproximadamente 84 horas - aulas de 2 horas CRONOGRAMA DELPHI para turmas Aprximadamente 84 hras - aulas de 2 hras Primeira Parte Lógica de Prgramaçã 5 aulas 10 hras AULA 1 OBJETIVO 1. Cnceits básics: Algritm, Tips de Variáveis, Tips e Expressões

Leia mais

Matemática / 1ª série / ICC Prof. Eduardo. Unidade 1: Fundamentos. 1 - Introdução ao Computador

Matemática / 1ª série / ICC Prof. Eduardo. Unidade 1: Fundamentos. 1 - Introdução ao Computador Unidade 1: Fundaments 1 - Intrduçã a Cmputadr Cnceits básics e Terminlgias O cmputadr é uma máquina eletrônica capaz de realizar uma grande variedade de tarefas cm alta velcidade e precisã, desde que receba

Leia mais

MODALIDADE DE FORMAÇÃO

MODALIDADE DE FORMAÇÃO CURSO 7855 PLANO DE NEGÓCIO - CRIAÇÃO DE PEQUENOS E MÉDIOS NEGÓCIOS Iníci ------ Duraçã 50h Hrári(s) ------ OBJECTIVOS GERAIS - Identificar s principais métds e técnicas de gestã d temp e d trabalh. -

Leia mais

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015. Ensino Técnico

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015. Ensino Técnico PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015 Ensin Técnic Códig: 0262 ETEC ANHANGUERA Municípi: Santana de Parnaíba Cmpnente Curricular: Cntabilidade Cmercial Eix Tecnlógic: Gestã e Negócis Módul: II C.

Leia mais

Curso de Extensão: Finanças Corporativas

Curso de Extensão: Finanças Corporativas 1. Apresentaçã Curs de Extensã: Finanças Crprativas Uma crpraçã é, genericamente, caracterizada pela tmada de duas decisões fundamentais, a de financiament e a de investiment. O prcess de seleçã, análise

Leia mais

FRWTC-200 INTRODUÇÃO JAVA SE

FRWTC-200 INTRODUÇÃO JAVA SE FRWTC-200 INTRODUÇÃO JAVA SE SOBRE A FRAMEWORK A Framewrk (www.frwtc.cm) atua diretamente cm prfissinais d segment de tecnlgia em busca de capacitaçã, atualizaçã e certificaçã, curss IN-COMPANY persnalizads

Leia mais

Auxiliar em Web Designer

Auxiliar em Web Designer Prjet Pedagógic d Curs de Frmaçã Inicial e Cntinuada u Qualificaçã Prfissinal em Auxiliar em Web Designer na mdalidade presencial Prjet Pedagógic d Curs de Frmaçã Inicial e Cntinuada u Qualificaçã Prfissinal

Leia mais

ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS

ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS CST em Análise e Desenvlviment de Sistemas 3ª série Fundaments de Sistemas Operacinais A atividade prática supervisinada (ATPS) é um métd de ensinaprendizagem desenvlvid

Leia mais

táxis compartilhados Shared-transport / Shared-taxi

táxis compartilhados Shared-transport / Shared-taxi Benefícis ds serviçs de transprte de táxis cmpartilhads Shared-transprt / Shared-taxi Reuniã de Especialistas sbre Transprte Urban Sustentável: Mdernizand e Trnand Eclógicas as Frtas de Táxis nas Cidades

Leia mais

1ª EDIÇÃO. Regulamento

1ª EDIÇÃO. Regulamento 1ª EDIÇÃO Regulament 1. OBJETIVO O Prêmi BRASILIDADE é uma iniciativa d Serviç de Api às Micr e Pequenas Empresas n Estad d Ri de Janeir SEBRAE/RJ, idealizad pr Izabella Figueired Braunschweiger e cm a

Leia mais

CURSO DE ENFERMAGEM Reconhecido pela Portaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12 Seção 1. Pág. 20

CURSO DE ENFERMAGEM Reconhecido pela Portaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12 Seção 1. Pág. 20 CURSO DE ENFERMAGEM Recnhecid pela Prtaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12 Seçã 1. Pág. 20 Cmpnente Curricular: ENFERMAGEM NO CONTROLE DE INFECÇÃO HOSPITALAR Códig: ENF-219 Pré-requisit: Nenhum

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO www.passencncurs.cm.br Infrmações sbre Cncurs Inscrições: 29/09/2014 a 16/10/2014 Carg: Cnsultr Jurídic Legislativ Taxa de Inscriçã: R$ 50,00 Salári/Remuneraçã: R$ 6.000,00 Nº Vagas: 04 Data da Prva: 09/11/2014

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO MONTAGEM E MANUTENÇÃO DE COMPUTADORES

PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO MONTAGEM E MANUTENÇÃO DE COMPUTADORES Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (SETEC) Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO MONTAGEM E MANUTENÇÃO DE

Leia mais

FRWTC-300 DESENVOLVIMENTO C# E ORIENTAÇÃO POR OBJETOS

FRWTC-300 DESENVOLVIMENTO C# E ORIENTAÇÃO POR OBJETOS FRWTC-300 DESENVOLVIMENTO C# E ORIENTAÇÃO POR OBJETOS SOBRE A FRAMEWORK A Framewrk (www.frwtc.cm) atua diretamente cm prfissinais d segment de tecnlgia em busca de capacitaçã, atualizaçã e certificaçã,

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO www.passencncurs.cm.br Infrmações sbre Cncurs Inscrições: 18/08/2014 a 28/10/2014 Carg: TNS Administradr Taxa de Inscriçã: R$ 86,00 Salári/Remuneraçã: R$ 1.827,81 Nº Vagas: 01 Data da Prva: 06/12/2014

Leia mais

www.highskills.pt geral@highskills.pt

www.highskills.pt geral@highskills.pt www.highskills.pt geral@highskills.pt Índice Designaçã d Curs... 2 Duraçã Ttal d Curs de Frmaçã... 2 Destinatáris... 2 Objetiv Geral... 2 Objetivs Específics... 2 Estrutura mdular e respectiva carga hrária...

Leia mais

(1) (2) (3) Estágio II Semestral 6 Inovação e Desenvolvimento de Produtos Turísticos

(1) (2) (3) Estágio II Semestral 6 Inovação e Desenvolvimento de Produtos Turísticos Estági II Semestral 6 Invaçã e Desenvlviment de Prduts Turístics Desenvlviment e Operacinalizaçã de Prjects Turístics Inglês Técnic IV Legislaçã e Ética d Turism Opçã Semestral 4 6/6 Sistemas de Infrmaçã

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO www.passencncurs.cm.br Infrmações sbre Cncurs Inscrições: 29/09/2014 a 16/10/2014 Carg: Assistente de Gestã: Assistente Administrativ Taxa de Inscriçã: R$ 70,00 Salári/Remuneraçã: R$ 1.955,80 Nº Vagas:

Leia mais

Plano de curso Planejamento e Controle da Manutenção de Máquinas e Equipamentos

Plano de curso Planejamento e Controle da Manutenção de Máquinas e Equipamentos PLANO DE CURSO MSOBRPCMME PAG1 Plan de curs Planejament e Cntrle da Manutençã de Máquinas e Equipaments Justificativa d curs Nã é fácil encntrar uma definiçã cmpleta para Gestã da manutençã de máquinas

Leia mais

CURSO DE ENFERMAGEM Reconhecido pela Portaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12 Seção 1. Pág. 20

CURSO DE ENFERMAGEM Reconhecido pela Portaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12 Seção 1. Pág. 20 Faculdade Independente d Nrdeste Credenciada pela Prtaria MEC 1.393, de 04/07/2001 publicada n D.O.U. de 09/07/2001. CURSO DE ENFERMAGEM Recnhecid pela Prtaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12

Leia mais

PLANIFICAÇÃO MODULAR ANO LECTIVO 2012 / 2013

PLANIFICAÇÃO MODULAR ANO LECTIVO 2012 / 2013 Inserir data e Hra 08/10/2012 N.º PLANIFICAÇÃO MODULAR ANO LECTIVO 2012 / 2013 CURSO/CICLO DE FORMAÇÃO: Técnic De Turism 2010/2013 DISCIPLINA: Operações Técnicas em Empresas Turísticas An: 3º N.º TOTAL

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO www.passencncurs.cm.br Carg: Técnic d Segur Scial Vagas: 2 mil vagas slicitadas Nível de esclaridade: médi Remuneraçã inicial: R$ 4.027,87 PREPARE-SE Prepare-se para Cncurs INSS - Institut Nacinal d Segur

Leia mais

Proposta de Formação para o uso pedagógico e integrado do Tablet Educacional Estudos Autônomos

Proposta de Formação para o uso pedagógico e integrado do Tablet Educacional Estudos Autônomos Prpsta de Frmaçã para us pedagógic e integrad d Tablet Educacinal Estuds Autônms Objetiv geral: OBJETIVOS Prmver a Frmaçã Cntinuada ds Prfessres, Crdenadres Pedagógics e Gestres Esclares, na mdalidade

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO www.passencncurs.cm.br Infrmações sbre Cncurs Inscrições: 27/10/2014 a 21/11/2014 Carg: Auxiliar de Sala: Educaçã Infantil Taxa de Inscriçã: R$ 48,00 Salári/Remuneraçã: R$ 1.146,27 Nº Vagas: Cadastr de

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE UM WEB SITE PARA A BASE DE CONHECIMENTOS DO PROGRAMA DE APOIO AOS ACTORES NÃO ESTATAIS ANGOLA

DESENVOLVIMENTO DE UM WEB SITE PARA A BASE DE CONHECIMENTOS DO PROGRAMA DE APOIO AOS ACTORES NÃO ESTATAIS ANGOLA DESENVOLVIMENTO DE UM WEB SITE PARA A BASE DE CONHECIMENTOS DO PROGRAMA DE APOIO AOS ACTORES NÃO ESTATAIS ANGOLA REQUISITOS TECNICOS O Prgrama de Api as Actres Nã Estatais publica uma slicitaçã para prestaçã

Leia mais

ESCOLA DE DIREITO DO RIO DE JANEIRO DA FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS FGV DIREITO RIO EDITAL DO PROCESSO SELETIVO DOS CURSOS DE EDUCAÇÃO CONTINUADA

ESCOLA DE DIREITO DO RIO DE JANEIRO DA FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS FGV DIREITO RIO EDITAL DO PROCESSO SELETIVO DOS CURSOS DE EDUCAÇÃO CONTINUADA ESCOLA DE DIREITO DO RIO DE JANEIRO DA FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS EDITAL DO PROCESSO SELETIVO DOS CURSOS DE EDUCAÇÃO CONTINUADA 2º semestre / 2012 O Prgrama de Educaçã Cntinuada da trna públic, para cnheciment

Leia mais

MASTERCOMP ESCOLA DE INFORMÁTICA

MASTERCOMP ESCOLA DE INFORMÁTICA www.mastercmp.net 1 www.mastercmp.net www.mastercmp.net INFORMAÇO ES ADICIONAIS DO CURSO DE PROMODEL E MS PROJECT Prgramaçã: Carga hrária: 32 Hras Lcal: Sã Sebastiã d Paraís MG Prgramas usads n curs: MS

Leia mais

CURSO DE ENFERMAGEM Autorizado pela Portaria no 135, de 29/01/09, publicada no DOU no 21, de 30/01/09, seção 1, pág.

CURSO DE ENFERMAGEM Autorizado pela Portaria no 135, de 29/01/09, publicada no DOU no 21, de 30/01/09, seção 1, pág. Credenciada pela Prtaria MEC 1.393, de 04/07/2001 publicada n D.O.U. de 09/07/2001. CURSO DE ENFERMAGEM Autrizad pela Prtaria n 135, de 29/01/09, publicada n DOU n 21, de 30/01/09, seçã 1, pág. Cmpnente

Leia mais

Regulamento para realização do Trabalho de Conclusão de Curso

Regulamento para realização do Trabalho de Conclusão de Curso Universidade Federal d Ceará Campus de Sbral Curs de Engenharia da Cmputaçã Regulament para realizaçã d Trabalh de Cnclusã de Curs Intrduçã Este dcument estabelece as regras básicas para funcinament das

Leia mais

TERAPIA MANUAL DESPORTIVA

TERAPIA MANUAL DESPORTIVA TERAPIA MANUAL DESPORTIVA 14, 15 e 16 de Nvembr de 2014 - LISBOA Resum A Terapia Manual é indiscutivelmente uma área incntrnável na intervençã d fisiterapeuta. N entant, este é um cnceit lat, cm diversas

Leia mais

Apresentação do Curso

Apresentação do Curso At endi m ent acl i ent e Apr es ent aç ãdc ur s Apresentaçã d Curs O curs Atendiment a Cliente fi elabrad cm bjetiv de criar cndições para que vcê desenvlva cmpetências para: Identificar s aspects que

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO www.passencncurs.cm.br Infrmações sbre Cncurs Inscrições: 03/10/2014 a 20/11/2014 Carg: Assistente Administrativ Taxa de Inscriçã: R$ 75,00 Salári/Remuneraçã: R$ 2.123,73 Nº Vagas: Cadastr de Reserva Data

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO www.passencncurs.cm.br Infrmações sbre Cncurs Inscrições: 25/11/2014 a 18/12/2014 Carg: Técnic d Executiv VIII: Administraçã Geral I Taxa de Inscriçã: R$ 50,00 Salári/Remuneraçã: R$ 1.153,20 Nº Vagas:

Leia mais

Visão por Computador. http://gec.di.uminho.pt/lesi/vpc, http://gec.di.uminho.pt/mcc/vpc. LESI / LMCC 5º Ano. Introdução

Visão por Computador. http://gec.di.uminho.pt/lesi/vpc, http://gec.di.uminho.pt/mcc/vpc. LESI / LMCC 5º Ano. Introdução Visã pr Cmputadr http://gec.di.uminh.pt/lesi/vpc, http://gec.di.uminh.pt/mcc/vpc LESI / LMCC 5º An Intrduçã Jã Luís Ferreira Sbral Departament d Infrmática Universidade d Minh Setembr 2003 Prgrama Intrduçã

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO OPERADOR DE COMPUTADOR

PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO OPERADOR DE COMPUTADOR Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (SETEC) Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará 1 PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO OPERADOR DE COMPUTADOR

Leia mais

GUIA RÁPIDO DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS EAD

GUIA RÁPIDO DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS EAD GUIA RÁPIDO DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS EAD GUIA RÁPIDO DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS EAD UNIVERSIDADE ANHEMBI MORUMBI

Leia mais

PANAFTOSA, OPAS-OMS COOPERAÇAO TÉCNICA MAPA-PANAFTOSA

PANAFTOSA, OPAS-OMS COOPERAÇAO TÉCNICA MAPA-PANAFTOSA PANAFTOSA, OPAS-OMS COOPERAÇAO TÉCNICA MAPA-PANAFTOSA Prgrama II Curs de Epidemilgia Aplicada Ri de Janeir, 13 a 24 de julh de 2009 Dia 13: segunda feira Abertura Bas vindas (Dr. Ottrin Csivi, Diretr PANAFTOSA)

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO www.passencncurs.cm.br Infrmações sbre Cncurs Inscrições: 20/11/2014 a 20/12/2014 Carg: Cntadr Taxa de Inscriçã: R$ 80,00 Salári/Remuneraçã: R$ 7.441,85 Nº Vagas: 01 + Cadastr de Reserva Data da Prva:

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO www.passencncurs.cm.br Infrmações sbre Cncurs Inscrições: 27/10/2014 a 16/11/2014 Carg: Analista Administrativ: Publicitári Taxa de Inscriçã: R$ 100,00 Salári/Remuneraçã: R$ 4.244,14 Nº Vagas: 20 Cadastr

Leia mais

GUIA RÁPIDO DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS EAD

GUIA RÁPIDO DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS EAD TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS EAD TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS EAD UNIVERSIDADE ANHEMBI MORUMBI Fundada em 1970 cm intuit de ferecer primeir curs superir de

Leia mais

Missão do Curso. Objetivos. Perfil do Profissional. Integralização Curricular

Missão do Curso. Objetivos. Perfil do Profissional. Integralização Curricular ANO ANO Missã d Curs É missã d Curs de Arquitetura e Urbanism da UFC frmar prfissinais capacitads a pesquisar, cnceber e cnstruir, cm visã crítica da realidade sci-ecnômica e cnheciment aprfundad d cntext

Leia mais

Edital Simplificado de Seleção de Monitoria 2015.1

Edital Simplificado de Seleção de Monitoria 2015.1 Institut Federal de Educaçã, Ciência e Tecnlgia d Ri de Janeir Edital Simplificad de Seleçã de Mnitria 2015.1 A Direçã Geral d IFRJ/, cmunica, pel presente Edital, que estarã abertas as inscrições para

Leia mais

Formação integrada em Contabilidade, Finanças e Fiscalidade

Formação integrada em Contabilidade, Finanças e Fiscalidade Frmaçã integrada em Cntabilidade, Finanças e Fiscalidade Objetivs Gerais Este Curs pretende dtar e cnslidar ns participantes s cnheciments avançads para desempenh das suas atividades prfissinais ns dmínis

Leia mais

Pré-requisito: Nenhum Período Letivo: 2015.1 Professor: Isabel Celeste Caíres Pereira Gusmão Titulação: Mestre PLANO DE CURSO

Pré-requisito: Nenhum Período Letivo: 2015.1 Professor: Isabel Celeste Caíres Pereira Gusmão Titulação: Mestre PLANO DE CURSO Faculdade Independente d Nrdeste Credenciada pela Prtaria MEC 1.393, de 04/07/2001 publicada n D.O.U. de 09/07/2001. CURSO DE ENFERMAGEM Recnhecid pela Prtaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12

Leia mais

DEPARTAMENTO DE EXPRESSÕES

DEPARTAMENTO DE EXPRESSÕES DEPARTAMENTO DE EXPRESSÕES Critéris de Avaliaçã Direçã Reginal de Educaçã d Nrte Agrupament de Esclas AMADEO DE SOUZA-CARDOSO Telões - Amarante EDUCAÇÃO MUSICAL 2ºCICLO An Letiv 2014/2015 Dmíni Cgnitiv

Leia mais

Desenho centrado em utilização

Desenho centrado em utilização Desenh centrad em utilizaçã Engenharia de Usabilidade Prf.: Clarind Isaías Pereira da Silva e Pádua Departament de Ciência da Cmputaçã - UFMG Desenh centrad em utilizaçã Referências Cnstantine, L.L., &

Leia mais

GUIA RÁPIDO DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS EAD

GUIA RÁPIDO DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS EAD TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS EAD TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS EAD UNIVERSIDADE ANHEMBI MORUMBI Fundada em 1970 cm intuit de ferecer primeir curs superir de

Leia mais

COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO- Nº 0030-2015. CARGO: Instrutor II Engenharia Mecatrônica / Tecnólogo MANAUS. SENAI - Amazonas

COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO- Nº 0030-2015. CARGO: Instrutor II Engenharia Mecatrônica / Tecnólogo MANAUS. SENAI - Amazonas COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO- Nº 0030-2015 CARGO: Instrutr II Engenharia Mecatrônica / Tecnólg MANAUS SENAI - Amaznas O Departament de Gestã de Pessas d Sistema Federaçã das Indústrias d Estad d Amaznas

Leia mais

CAPACITAÇÃO EM SIMULAÇÃO PARA O MUNDO REAL DA SAÚDE

CAPACITAÇÃO EM SIMULAÇÃO PARA O MUNDO REAL DA SAÚDE CAPACITAÇÃO EM SIMULAÇÃO PARA O MUNDO REAL DA SAÚDE Institut Instituiçã fcada na geraçã de sluções para a implementaçã e gestã pedagógica de Núcles de Treinament e Capacitaçã de prfissinais e acadêmics

Leia mais

FACULDADE DE EDUCAÇÃO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE

FACULDADE DE EDUCAÇÃO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE FACULDADE DE EDUCAÇÃO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE (Prt. MEC nº 797/14, de 11/09/2014, publicada n DOU em 12/09/2014) EDITAL 2015 PROCESSO SELETIVO O Diretr Geral da Faculdade de Educaçã em Ciências da Saúde (FECS),

Leia mais

CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Autorizado pela Portaria nº 1.393 de 04/07/01 DOU de 09/07/01 Componente Curricular: CONTROLADORIA PLANO DE CURSO

CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Autorizado pela Portaria nº 1.393 de 04/07/01 DOU de 09/07/01 Componente Curricular: CONTROLADORIA PLANO DE CURSO Faculdade Independente d Nrdeste Credenciada pela Prtaria MEC 1.393, de 04/07/2001 publicada n D.O.U. de 09/07/2001. CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Autrizad pela Prtaria nº 1.393 de 04/07/01 DOU de 09/07/01

Leia mais

REGULAMENTO DA OLIMPÍADA JURÍDICA 2014

REGULAMENTO DA OLIMPÍADA JURÍDICA 2014 1 REGULAMENTO DA OLIMPÍADA JURÍDICA 2014 PARTICIPANTES A Olimpíada Jurídica 2014 é uma cmpetiçã direcinada a aluns que estejam regularmente matriculads ns curss de graduaçã de Direit de Instituições de

Leia mais

GUIA RÁPIDO DE CONFIGURAÇÃO PARA WINDOWS

GUIA RÁPIDO DE CONFIGURAÇÃO PARA WINDOWS GUIA RÁPIDO DE CONFIGURAÇÃO PARA WINDOWS CONTEÚDO 1. Intrduçã... 3 2. Requisits de Sftware e Hardware:... 3 3. Usuári e Grups:... 3 3.1. Cnfigurand cm Micrsft AD:... 3 3.2. Cnfigurand s Grups e Usuáris:...

Leia mais

Os novos usos da tecnologia da informação nas empresas Sistemas de Informação

Os novos usos da tecnologia da informação nas empresas Sistemas de Informação Os nvs uss da tecnlgia da infrmaçã nas empresas Sistemas de Infrmaçã Prf. Marcel da Silveira Siedler siedler@gmail.cm SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM COMERCIAL FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC PELOTAS Planejament

Leia mais

Integração com coletores de ponto, catracas, dispositivos de abertura de portas, fechaduras eletromagnéticas,

Integração com coletores de ponto, catracas, dispositivos de abertura de portas, fechaduras eletromagnéticas, Vsft ids Pnt Web Cntrle de acess e pnt A Vsft desenvlveu uma sluçã baseada em sftware e hardware para cntrle de acess e u pnt que pde ser utilizada pr empresas de qualquer prte. Cm us da tecnlgia bimétrica

Leia mais

RELATÓRIO E VOTO FUNDAMENTADA

RELATÓRIO E VOTO FUNDAMENTADA Órgã Plenári Prcess nº 104.061/2.013 Assunt Recadastrament da Instituiçã de Ensin e d Curs de Engenharia de Cntrle e Autmaçã Interessad IFG Institut Federal de Ciência e Tecnlgia de Giás - Giânia-G Lcal

Leia mais

PIM TECNOLOGIA EM GERENCIAMENTO DE REDES DE COMPUTADORES (GR3P30)

PIM TECNOLOGIA EM GERENCIAMENTO DE REDES DE COMPUTADORES (GR3P30) UNIP Brasília - Crdenaçã CG/CW/GR/AD Senhres Aluns, Seguem infrmações imprtantes sbre PIM: 1. O QUE É? - Os PIM (Prjet Integrad Multidisciplinar) sã prjets brigatóris realizads els aluns ds curss de graduaçã

Leia mais

Segue abaixo projeto para desenvolvimento de novo website para loja Virtual

Segue abaixo projeto para desenvolvimento de novo website para loja Virtual Lja Virtual Desenvlviment FrmigaNegócis Orçament: /2012 Cliente: Respnsável: Prjet: Lja virtual Telefne: Frmiga (MG), de de 2012 Intrduçã Segue abaix prjet para desenvlviment de nv website para lja Virtual

Leia mais

GESTÃO DE LABORATÓRIOS

GESTÃO DE LABORATÓRIOS Seminári Luanda, 26,27,28,29 e 30 de Mai de 2014 - Htel **** Guia Prática GESTÃO DE LABORATÓRIOS Finanças Assegure uma gestã eficaz de tdas as áreas 40 hras de Frmaçã Especializada Cnceits ecnómic-financeirs

Leia mais

EDITAL Nº 034/2014 ESCOLA JUDICIAL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE PERNAMBUCO PROGRAMA DE APERFEIÇOAMENTO DE SERVIDORES

EDITAL Nº 034/2014 ESCOLA JUDICIAL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE PERNAMBUCO PROGRAMA DE APERFEIÇOAMENTO DE SERVIDORES EDITAL Nº 034/2014 ESCOLA JUDICIAL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE PERNAMBUCO PROGRAMA DE APERFEIÇOAMENTO DE SERVIDORES Trna pública a abertura de inscrições para Curs PJE VARAS CÍVEIS Módul Servidres, destinad

Leia mais

REGULAMENTO CONCURSO DE IDEIAS OESTECIM A MINHA EMPRESA

REGULAMENTO CONCURSO DE IDEIAS OESTECIM A MINHA EMPRESA 1. Intrduçã e Objetivs a) O Cncurs de Ideias OESTECIM a minha empresa pretende ptenciar apareciment de prjets invadres na regiã d Oeste sempre numa perspetiva de desenvlviment ecnómic e scial. b) O Cncurs

Leia mais

Visão por Computador. WWW: gec.di.uminho.pt/lesi/vpc, gec.di.uminho.pt/mcc/vpc. LESI/LMCC - 5º Ano. Introdução

Visão por Computador. WWW: gec.di.uminho.pt/lesi/vpc, gec.di.uminho.pt/mcc/vpc. LESI/LMCC - 5º Ano. Introdução Visã pr Cmputadr WWW: gec.di.uminh.pt/lesi/vpc, gec.di.uminh.pt/mcc/vpc LESI/LMCC - 5º An Intrduçã Jã Luís Ferreira Sbral Departament d Infrmática Universidade d Minh Outubr 2002 Prgrama Intrduçã e bjectivs

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO www.passencncurs.cm.br Infrmações sbre Cncurs Inscrições: 17/11/2014 a 01/12/2014 Carg: Assistente Administrativ Taxa de Inscriçã: R$ 69,69 Salári/Remuneraçã: R$ 1.912,11 Nº Vagas: 17 + Cadastr de Reserva

Leia mais

Autorizado pela Portaria no 131, de 13/01/11, publicada no DOU no 11, de17/01/11, seção 1, pág.14

Autorizado pela Portaria no 131, de 13/01/11, publicada no DOU no 11, de17/01/11, seção 1, pág.14 C U R S O O D O N T O L O G I A Autrizad pela Prtaria n 131, de 13/01/11, publicada n DOU n 11, de17/01/11, seçã 1, pág.14 Cmpnente Curricular: Histlgia e Embrilgia Humana Códig: ODO-001 Pré-requisit:

Leia mais

ENCONTROCAS 2º SEMESTRE 2012 - ORIENTAÇÕES GERAIS PARA O CURSO DE PEDAGOGIA. O ENCONTROCAS é um evento semestral realizado pelo Instituto Superior de

ENCONTROCAS 2º SEMESTRE 2012 - ORIENTAÇÕES GERAIS PARA O CURSO DE PEDAGOGIA. O ENCONTROCAS é um evento semestral realizado pelo Instituto Superior de Faculdade de Ciências Sciais Aplicadas de Bel Hriznte Institut Superir de Educaçã Curs de Pedaggia ENCONTROCAS 2º SEMESTRE 2012 - ORIENTAÇÕES GERAIS PARA O CURSO DE PEDAGOGIA O ENCONTROCAS é um event semestral

Leia mais

Gestão do Escopo 1. Planejamento da Gestão do Escopo: 2. Definição do Escopo: 3. Elaboração da EDT(EAP): 4. Verificação do Escopo:

Gestão do Escopo 1. Planejamento da Gestão do Escopo: 2. Definição do Escopo: 3. Elaboração da EDT(EAP): 4. Verificação do Escopo: Gestã d Escp 1. Planejament da Gestã d Escp: i. Autrizaçã d prjet ii. Definiçã d escp (preliminar) iii. Ativs em cnheciments rganizacinais iv. Fatres ambientais e rganizacinais v. Plan d prjet i. Plan

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA - (FIC) PRONATEC MONITOR DE RECREAÇÃO

PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA - (FIC) PRONATEC MONITOR DE RECREAÇÃO Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (SETEC) Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA

Leia mais

FRWTC-220 DESENVOLVIMENTO DE APLICAÇÕES JAVA WEB

FRWTC-220 DESENVOLVIMENTO DE APLICAÇÕES JAVA WEB FRWTC-220 DESENVOLVIMENTO DE APLICAÇÕES JAVA WEB SOBRE A FRAMEWORK A Framewrk (www.frwtc.cm) atua diretamente cm prfissinais d segment de tecnlgia em busca de capacitaçã, atualizaçã e certificaçã, curss

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CIÊNCIA ESCOLA SECUNDÁRIA/3 RAINHA SANTA ISABEL 402643 ESTREMOZ

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CIÊNCIA ESCOLA SECUNDÁRIA/3 RAINHA SANTA ISABEL 402643 ESTREMOZ PLANIFICAÇÃO ANUAL DA DISCIPLINA DE TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO 8º an Subdmíni Cmunicaçã e clabraçã CC8 Cnheciment e utilizaçã adequada e segura de diferentes tips de ferramentas de cmunicaçã,

Leia mais

MANUAL DOS GESTORES DAA

MANUAL DOS GESTORES DAA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ UFPI NÚCLEO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO - NTI MANUAL DOS GESTORES DAA MÓDULOS: M atrícula e P rgramas e C DP [Digite resum d dcument aqui. Em geral, um resum é um apanhad

Leia mais

Elidomar da Silva Alcoforado

Elidomar da Silva Alcoforado Elidmar da Silva Alcfrad +351 932 080 465 - Casa d Reitr, Campus Universitári da Penha, Universidade d Algarve, 8005-139, Far, Prtugal - Av. Ináci de Barrs Barret, 233, Várzea, Recife/PE, 50741-390 Brazil.

Leia mais