BENEFICIOS ASSISTENCIAIS. Cartilha elaborada por: Centro Mineiro de Reabilitação Auditiva CEMEAR. Assistente social. Márcia Izabel Silva Mendes

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "BENEFICIOS ASSISTENCIAIS. Cartilha elaborada por: Centro Mineiro de Reabilitação Auditiva CEMEAR. Assistente social. Márcia Izabel Silva Mendes"

Transcrição

1 BENEFICIOS ASSISTENCIAIS Cartilha elaborada por: Centro Mineiro de Reabilitação Auditiva CEMEAR. Assistente social Márcia Izabel Silva Mendes Natália Fagundes de Freitas Moraes

2 Benefício de Prestação Continuada (BPC) dezembro de O recurso financeiro do BPC provém do orçamento da Seguridade Social, sendo administrado pelo Ministério de Desenvolvimento Social e Combate a Fome ( MDS) sendo repassado ao INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) por meio do Fundo Nacional O BPC não é aposentadoria, pensão e não dá direito ao 13º salário. Podem receber o BPC, idosos a partir de 65 anos e pessoas com deficiência incapacitante para a vida independente e para o trabalho que não podem prover a própria manutenção nem de tê-la provido por sua família, o valor pago é de um salário mínimo mensal. Requisitos para concessão É um benefício da Política de Assistência Social, não vitalício (revisão a cada dois anos), individual, não contributivo e intrasferível, instituído pela Constituição Federal de 1988, regulamentado pela Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS), lei federal nº de 07 de Pessoa com deficiência: comprovar a deficiência e o nível de incapacidade para vida independente e para o trabalho, atestado por meio de perícia médica e social do INSS e renda per capita familiar

3 inferior a ¼ do salário mínimo e que não recebe nenhum benefício previdenciário. O requerente deverá preencher o formulário de requerimento do benefício e apresentar a documentação necessária. Quando o benefício é deferido ou indeferido o INSS envia uma carta informando ao requerente, informa também qual a agência bancária que realizará o pagamento do BPC. Todo o processo pode ser acompanhado também pelo site da Previdência Social Como requerer o BPC O requerente poderá dirigir-se a Secretária Municipal de Assistência Social, Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) ou órgão similar no município para informações e orientações para o seu requerimento, o INSS é o órgão responsável recebimento do requerimento e reconhecimento do direito ao benefício. O requerente deverá agendar o atendimento na agência do INSS mais próxima de sua residência pelo telefone 135 (Central de Atendimento da Previdência Social) ou pelo site Documentos necessários para requerer o BPC Cadastro de Pessoa Física (CPF); Certidão de Nascimento ou Casamento; Carteira de Identidade/ ou Carteira de Trabalho e Previdência Social O requerente deverá apresentar os documentos pessoais e da família. A apresentação do comprovante de endereço garante uma melhor qualidade no registro das informações cadastrais. Caso o requerente não apresente o CPF no ato do requerimento, ele não será prejudicado no processo administrativo e na concessão do

4 benefício, porém se for concedido o benefício, deverá apresentar o CPF para que o pagamento do BPC seja autorizado. Além da documentação supracitada é necessário que o requerente ou o responsável legal preencha e assine os seguintes formulários: Requerimento de Benefício Assistencial; Declaração sobre a Composição do Grupo e Renda Familiar. Os formulários podem ser encontrados nas Agências da Previdência Social ou no site do MDS ou no site da Previdência Social Se o requerente é deficiente e na família existe idoso ou deficiente que receba o BPC, conforme ação pública civil determina ao INSS que: na análise dos requerimentos de benefícios apresentados no território de jurisdição desta seção judiciária de Minas Gerais, não compute, no cálculo da renda familiar per capita, o benefício previdenciário ou assistencial, no valor de um salário mínimo, recebido por pessoa idosa integrante do grupo familiar. O BPC não pode ser acumulado outro benefício da Seguridade Social ou de outro regime, como o seguro desemprego, aposentadoria e pensão, salvo o benefício da assistência médica, pensões especiais de natureza indenizatória e a remuneração proveniente de contrato de aprendizagem. BPC e mercado de trabalho Duas pessoas em uma mesma família podem receber o BPC? Conforme a Lei nº , de 31/08/2011 a pessoa com deficiência que exerce atividade remunerada, até mesmo como microempreendedor individual, terá o pagamento de seu benefício suspenso. O pagamento do benefício poderá ser reativado após a

5 extinção da atividade remunerada ou microempreendedora ou após o termino do pagamento do seguro desemprego. Mercado de trabalho Vale ressaltar que para o pagamento do BPC seja reativado, o beneficiário não será sujeitado a uma nova avaliação da deficiência e do grau de impedimento. Notas Os recursos oriundos dos programas de transferência de renda como Bolsa Família, não entram no calculo da renda familiar, para fins de concessão do BPC. O deficiente contratado na condição de aprendiz ou estagiário não terá o BPC suspenso, tanto o benefício quanto o salário de aprendiz, ambos podem ser acumulados pelo prazo máximo de 2 (dois) anos. O deficiente que não se enquadra nas condicionalidades da política de assistência social para acessar o BPC, poderá ser inserido no mercado de trabalho como Pessoas com Necessidades Especiais (PNE).

6 Transportes É considerado carente aquele que possui renda familiar per capita de até um salário mínimo. Documentos necessários para requerer Passe Livre Interestadual - Cópia de um dos documentos de identificação, podendo ser: Certidão de Nascimento; Certidão de Casamento; Certificado Reservista; Possuem direito ao passe livre pessoas com deficiência auditiva comprovadamente carentes, com perda bilateral, parcial ou total, de quarenta e um decibéis ou mais, aferida por audiograma nas freqüências de 500 Hz, Hz, Hz e Hz, conforme Lei nº 8.899, de 29/06/1994, Decreto nº 3.691, de 19/12/2000 e Portaria nº 72/GM/MT de 18/03/2014. Carteira de Identidade; Carteira de Trabalho e Previdência Social; Título de Eleitor/ ou Carteira Nacional de Habilitação.

7 - Preencher os seguintes formulários: Requerimento de Passe Livre para o transporte interestadual de pessoa carente com deficiência; Declaração de Rendimentos e Composição Familiar; Atestado (laudo) da equipe multiprofissional do SUS que deverá ser preenchido pelos profissionais. Após o preenchimento dos formulários originais, esses devem ser enviados juntamente com a cópia dos documentos solicitados para o Ministério dos Transportes no seguinte endereço: Ministério dos Transportes, Caixa Postal CEP Brasília (DF). É importante que você informe o seu endereço completo ao enviar os formulários e a documentação para o Ministério dos Transportes para que ele possa lhe remeter o Kit Passe Livre, as despesas de correio serão custeadas pelo próprio beneficiário. Tipos de transporte que aceitam o Passe Livre Transporte coletivo interestadual convencional por ônibus, trem ou barco, inclui também o transporte interestadual semi-urbano. Importante: O Passe Livre interestadual não é válido para o transporte urbano ou intermunicipal dentro do mesmo estado, para viagens em ônibus executivo e leito. O Passe Livre dá direito a acompanhante, somente nos casos em que a presença do acompanhante seja imprescindível. Para que o deficiente tenha direito ao acompanhante, deverão ser apresentados os seguintes documentos: - Cópia de um dos documentos de identificação, podendo ser: Certidão de Nascimento; Certidão de Casamento; Certificado de Reservista; Carteira de Identidade;

8 Carteira de Trabalho e Previdência Social; Título de Eleitor/ ou Carteira Nacional de Habilitação. Deverá constar no laudo da Equipe multiprofissional do Sistema Único de Saúde, uma declaração do mesmo médico que atestou a deficiência, relatando à presença do acompanhante durante a viagem. O acompanhante deverá preencher o Formulário para Acompanhante com os seus dados, onde deverão constar informações como renda familiar mensal. Somente o a pessoa com deficiência ou o responsável legal, poderá solicitar a inclusão de acompanhante. Após o deferimento do processo, será expedido para o acompanhante uma credencial, que deverá ser utilizada com a finalidade de atender a pessoa com deficiência. Atenção: Os formulários estão disponíveis no site O ministério Passe livre Instruções para o beneficiário. Renovação do Passe Livre O beneficiário deverá solicitar a nova carteira 30 (trinta) dias antes do vencimento do documento anterior, enviando a mesma documentação do requerimento para o Ministério do Transporte. Passe Livre Intermunicipal

9 A Lei nº /14 garante a pessoas com deficiência, com renda individual inferior a dois salários mínimos, a concessão de gratuidade no transporte público intermunicipal para qualquer município mineiro com a carteira do SINDPASSE (Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiro no Estado de Minas Gerais). Documentos necessários para requerer 1- Cópia do documento de identidade com foto atualizada do beneficiário e cópia do documento de identidade do responsável legal; 2- Copia do CPF; 3- Cópia do Comprovante de endereço atualizado no máximo 3 meses, se o comprovante de endereço não estiver no nome do beneficiário, será necessário uma declaração do titular da conta de que o beneficiário reside no endereço, a declaração deverá ser datada e assinada (uma) foto 3x4 do beneficiário, sem rasuras e com o nome no verso; 5- Comprovante atualizado de renda, emitido no máximo 3 meses, como: a) Carteira de Trabalho e Previdência Social; b) contracheque de pagamento ou documento expedido pelo empregador; c) carnê de contribuição para o INSS, demonstrativo de pagamento de vencimentos ou benefícios pagos por órgãos ou entidades públicas; d) declaração escrita, assinada pelo declarante ou por pessoa que se responsabilize pela informação, de que tenha renda individual inferior a dois salários mínimos.

10 Aposentados e pensionistas devem apresentar o Demonstrativo de Crédito de Benefício, obtido em qualquer agência do banco onde recebe o benefício ou no site e) Laudo médico-pericial comprovando a deficiência, emitido por profissional de saúde pertencente à entidade integrante do SUS, carimbado, assinado e data do pelo médico, com identificação do CRM, especialidade e credenciamento no SUS; Não é obrigatória a presença do beneficiário na entrega dos documentos. Após o deferimento o SINDPAS enviara a carteira SINPASSE para o endereço do beneficiário. Retira, imprima e preencha os formulários que estão disponíveis no site e envie-os juntamente com os documentos solicitados para: Praça Rio Branco, nº100, loja 116, 1º pavimento, desembarque Centro Belo Horizonte/ MG CEP: Atendimento de segunda a sexta-feira das 9 horas às 17 horas. As dúvidas poderão ser esclarecidas pelo telefone (31) em dias úteis de 9 horas às 19:30 horas. Importante: A documentação poderá ser enviada pelo Correio ou poderá ser entregue pessoalmente no endereço informado para envio.

11 Passe Livre Municipal Deficientes auditivos, com perda bilateral, parcial ou total, de quarenta e um decibéis ou mais, aferida por audiograma nas freqüências de 500 Hz, Hz, Hz e Hz, tem direito ao passe livre municipal, conforme a portaria BHTRANS nº080/2011 de 18 de agosto de 2011e portaria BHTRANS DPR N. 040/2012 de 29 de março de Como requerer o Cartão BHBUS Benefício: Passe Livre Municipal para pessoas com deficiência auditiva, conforme os requisitos estabelecidos em portarias da Empresa de Transporte e Trânsito de Belo Horizonte- BHTRANS nº080/2011 de 18 de agosto de 2011 e portaria BHTRANS DPR N. 040/2012 de 29 de março de O cartão BHBUS benefício é pessoal e intransferível, a gratuidade ao transporte coletivo permite aos seus beneficiários e acompanhantes a usufruírem dos transportes públicos gerenciados pela BHTRANS, conforme o que preconiza a Lei Orgânica do Município de Belo Horizonte. Quem reside em Belo Horizonte deve procurar o Plantão Social da regional da prefeitura que corresponde ao seu domicílio ou a União dos Paraplégicos de Belo Horizonte (UNIPABE), no endereço: Rua Paulo Arbex, 123- Jardim América- Belo Horizonte/MG. Horário de atendimento de 8h às 17 h, telefone (31) Pessoas residentes em alguns dos demais municípios da Região Metropolitana de Belo Horizonte credenciados junto à BHTRANS deve solicitar o beneficio na prefeitura de seu município.

12 Documentos necessários para requerer Cópia e original do comprovante de residência emitido no máximo há 6 (seis) meses; Cópia e original do documento de identidade oficial com foto; Comprovante de matrícula e freqüência escolar (para solicitante com idade entre 06 e 14 anos). Importante: Não há critério de renda familiar para concessão deste benefício. Renovação A renovação do cartão BHBUS benefício deverá ser anualmente, no mês do aniversário do beneficiário, devendo comparecer ao Consórcio Transfácil, no endereço: Rua Professor Morais, 216 Funcionários. Munido dos documentos listados acima. Laudo médico emitido pelo SUS; Cópia da audiometria; Cópia do cartão bolsa família; Declaração de crédito BPC

13 Aposentadoria para pessoa com deficiência contribuição com tempo variável, de acordo com o grau de deficiência avaliado pelo INSS. Para pedir a aposentadoria a pessoa precisa: Ser avaliada pelo INSS para comprovação da deficiência e o grau. Por idade: Ser segurado do Regime Geral da Previdência Social (RGPS); Idade mínima 60 anos, homens e 55 anos, mulher; Carência de 180 meses de contribuição; Por tempo de contribuição para aposentadoria A Lei Complementar 142/2013, garante ao segurado pela Previdência Social, deficiente auditivo, o direito à aposentadoria por idade, homem 60 anos e mulher 55 anos, e à aposentadoria por tempo de Ser segurado do Regime Geral da Previdência Social (RGPS), bem como o grau da deficiência:

14 Quanto à avaliação das barreiras externas (fatores ambientais e sociais) serão realizados pelo perito médico e pelo assistente social do INSS, por meio de entrevista com o segurado e se necessário com as pessoas que convivem com ele, caso ainda restarem dúvidas, poderão ser realizadas visitas no local de trabalho, residência, como a solicitação de laudos, relatórios, atestados e outros. Deficiência grave: 20 anos 25 anos Deficiência moderada: 24 anos 29 anos Deficiência leve 28 anos 33anos No caso de pessoas com doenças ocupacionais (como perda de função de braço ou mão), a perícia médica e social é que vai levar em consideração se as atividades são barreiras que interferem na sua funcionalidade, no contexto de vida e trabalho, a análise dos casos é particular, podendo ou não se enquadrar como deficiente. Para avaliar o grau de deficiência o Ministério da Previdência Social e o INSS, fazem o uso do um instrumento em forma de questionário que é aplicado nas avaliações da deficiência dos segurados, considerando tanto o aspecto social e pessoal. Para solicitação da aposentadoria, o segurado deverá agendar o atendimento pela Central telefônica da Previdência Social 135, ou no acessar o link Agendamento de Atendimento. Nota

15 O segurado que se aposentar como deficiente poderá continuar trabalhando, se desejar. REFERÊNCIAS: Benefício de Prestação Continuada de Assistência Social. Ministério do Desenvolvimento e Combate a Fome MDS, Disponível em: Acesso em 22 de outubro de BRASIL. Altera, consolida e define regras relativas à concessão do benefício da gratuidade a pessoas. Portaria BHTRANS (Empresa de Transporte e Trânsito de Belo Horizonte) DPR nº 080/2011 de 18 de agosto de Ministério da Previdência Social. Aposentadoria especial para pessoa com deficiência. Disponível em: Acesso em 21 de outubro de Ministério dos Transportes Disponível em: <http://www.transportes.gov.br/conteudo/ Acesso em 22 de outubro de SINDPAS - Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros no Estado de Minas Gerais Disponível em: Acesso em 22 de outubro de BRASIL. Suspende os efeitos dos artigos da Portaria BHTRANS DPR Nº 080/2011, conforme sentença judicial. Portaria BHTRANS (Empresa de Transporte e Trânsito de Belo Horizonte) DPR N. 040/2012 de 29 de março de 2012.

DE ASSISTÊNCIA SOCIAL

DE ASSISTÊNCIA SOCIAL A Cartilha BENEFÍCIO BENEF ÍCIO DE PRESTAÇÃO CONTINUADA NOVA CARTILHA BPC.indd 1 B 16/11/2009 11:43:41 NOVA CARTILHA BPC.indd 2 16/11/2009 11:43:41 O QUE É O BPC O BPC, assegurado pela Constituição Federal

Leia mais

ACORDO DA PREVIDÊNCIA SOCIAL BRASIL - JAPÃO

ACORDO DA PREVIDÊNCIA SOCIAL BRASIL - JAPÃO ACORDO DA PREVIDÊNCIA SOCIAL BRASIL E JAPÃO 63 ACORDO DA PREVIDÊNCIA SOCIAL BRASIL - JAPÃO Acordo internacional Brasil/Japão, que foi assinado em 29 de julho de 2010 e entrou em vigor em 1º de março de

Leia mais

CADASTRO ÚNICO POPULAÇÃO EM SITUAÇÃO DE RUA E SEUS DIREITOS

CADASTRO ÚNICO POPULAÇÃO EM SITUAÇÃO DE RUA E SEUS DIREITOS CADASTRO ÚNICO POPULAÇÃO EM SITUAÇÃO DE RUA E SEUS DIREITOS SABIA? VOCÊ As pessoas em situação de rua têm direito a estar no Cadastro Único. O que é o Cadastro Único? O Cadastro Único identifica quem são

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO PRÓ-REITORIA DE GESTÃO ESTUDANTIL PROGEST PROGRAMA DE APOIO AO INGRESSANTE EDITAL 01/2015

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO PRÓ-REITORIA DE GESTÃO ESTUDANTIL PROGEST PROGRAMA DE APOIO AO INGRESSANTE EDITAL 01/2015 UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO PRÓ-REITORIA DE GESTÃO ESTUDANTIL PROGEST PROGRAMA DE APOIO AO INGRESSANTE EDITAL 01/2015 Seleção Pública de bolsistas do Programa de Apoio ao Ingressante PAI para

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MATO GROSSO DO SUL PROEC. Edital Nº 029/ 2013- PAE- PROEC/UEMS

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MATO GROSSO DO SUL PROEC. Edital Nº 029/ 2013- PAE- PROEC/UEMS Edital Nº 029/ 2013- PAE- /UEMS A Pró-Reitoria de Extensão, Cultura e Assuntos Comunitários, no uso de suas atribuições legais, torna público para conhecimento da comunidade acadêmica UEMS o Edital Nº

Leia mais

REGULAMENTO DE BOLSA DE ESTUDO 2013

REGULAMENTO DE BOLSA DE ESTUDO 2013 REGULAMENTO DE BOLSA DE ESTUDO 2013 CAPÍTULO I - FINALIDADE Art. 1º. O Programa de Bolsa de Estudo Doação, instituído pela Fundação Dom Aguirre, Entidade Mantenedora do Colégio Dom Aguirre, tem como objetivo

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO PRÓ-REITORIA DE GESTÃO ESTUDANTIL PROGEST PROGRAMA DE APOIO AO INGRESSANTE EDITAL 01/2015

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO PRÓ-REITORIA DE GESTÃO ESTUDANTIL PROGEST PROGRAMA DE APOIO AO INGRESSANTE EDITAL 01/2015 UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO PRÓ-REITORIA DE GESTÃO ESTUDANTIL PROGEST PROGRAMA DE APOIO AO INGRESSANTE EDITAL 01/2015 Seleção Pública de bolsistas do Programa de Apoio ao Ingressante PAI para

Leia mais

EDITAL - BOLSA DE ESTUDO ENSINO MÉDIO E SUPERIOR

EDITAL - BOLSA DE ESTUDO ENSINO MÉDIO E SUPERIOR EDITAL - BOLSA DE ESTUDO ENSINO MÉDIO E SUPERIOR Inscrições disponíveis no site da Prefeitura Municipal de Joinville Entrega de formulário preenchido e documentação exigida: Servidores Lotados nas demais

Leia mais

REGULAMENTO PROCESSO SELETIVO PARA CONCESSÃO DE BOLSA DE ESTUDOS DO INSTITUTO CULTURAL BRASIL ESTADOS BELO HORIZONTE

REGULAMENTO PROCESSO SELETIVO PARA CONCESSÃO DE BOLSA DE ESTUDOS DO INSTITUTO CULTURAL BRASIL ESTADOS BELO HORIZONTE REGULAMENTO PROCESSO SELETIVO PARA CONCESSÃO DE BOLSA DE ESTUDOS DO INSTITUTO CULTURAL BRASIL ESTADOS BELO HORIZONTE MODALIDADE DE BOLSAS: CURSOS BÁSICO E INTERMEDIÁRIO NA MODALIDADE REGULAR ART 1º - DAS

Leia mais

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS QUE DEVERÃO SER APRESENTADOS PELO REQUERENTE JUNTAMENTE COM A FICHA PREENCHIDA E ASSINADA.

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS QUE DEVERÃO SER APRESENTADOS PELO REQUERENTE JUNTAMENTE COM A FICHA PREENCHIDA E ASSINADA. LISTA DE DOCUMENTOS RELAÇÃO DE DOCUMENTOS QUE DEVERÃO SER APRESENTADOS PELO REQUERENTE JUNTAMENTE COM A FICHA PREENCHIDA E ASSINADA. O Responsável Financeiro deverá entregar cópias autenticadas/ simples

Leia mais

Benefício de prestação continuada (BPC) à Pessoa com Deficiência GERÊNCIA EXECUTIVA DO INSS EM CURITIBA SERVIÇO SOCIAL

Benefício de prestação continuada (BPC) à Pessoa com Deficiência GERÊNCIA EXECUTIVA DO INSS EM CURITIBA SERVIÇO SOCIAL Benefício de prestação continuada (BPC) à Pessoa com Deficiência GERÊNCIA EXECUTIVA DO INSS EM CURITIBA SERVIÇO SOCIAL Maio/2014 1 Superintendência Regional SUL Gerencia Executiva em Curitiba Gerencias

Leia mais

ANEXO I - Edital 02/2015 - DOCUMENTAÇÃO COMPROBATÓRIA

ANEXO I - Edital 02/2015 - DOCUMENTAÇÃO COMPROBATÓRIA MINISTÉRIO DAEDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO TRIÂNGULO MINEIRO PRÓ-REITORIA DE ASSUNTOS COMUNITÁRIOS E ESTUDANTIS Av. Getúlio Guaritá, 159 Sala 230 - Abadia 38025-440 - Uberaba MG Tel: (34) 3318-5978

Leia mais

ATUALIZAÇÃO CADASTRAL DO SERVIDOR MUNICIPAL

ATUALIZAÇÃO CADASTRAL DO SERVIDOR MUNICIPAL ATUALIZAÇÃO CADASTRAL DO SERVIDOR MUNICIPAL ORIENTAÇÕES SOBRE A ATUALIZAÇÃO CADASTRAL DO SERVIDOR MUNICIPAL Apresentação A Prefeitura Municipal de Goiânia realizará a atualização cadastral dos Servidores

Leia mais

Orientações sobre Benefícios do INSS

Orientações sobre Benefícios do INSS Orientações sobre Benefícios do INSS A PREFEITURA DE GUARULHOS MANTÉM UM CONVÊNIO COM O INSS AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL DE GUARULHOS PARA REQUERIMENTO DOS SEGUINTES BENEFÍCIOS: AUXÍLIO DOENÇA PREVIDENCIÁRIO,

Leia mais

Renovação - ProUni - para o 1º semestre de 2016 UNIFIEO - Centro Universitário FIEO

Renovação - ProUni - para o 1º semestre de 2016 UNIFIEO - Centro Universitário FIEO Renovação - ProUni - para o 1º semestre de 2016 UNIFIEO - Centro Universitário FIEO Renovação - ProUni - para o 1º semestre de 2016 UNIFIEO - Centro Universitário FIEO Renovação - ProUni - para o 1º semestre

Leia mais

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS PARA SOLICITAÇÃO DE BOLSA DE ESTUDO NÃO RESTITUÍVEL (BOLSA FILANTRÓPICA)

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS PARA SOLICITAÇÃO DE BOLSA DE ESTUDO NÃO RESTITUÍVEL (BOLSA FILANTRÓPICA) RELAÇÃO DE DOCUMENTOS PARA SOLICITAÇÃO DE BOLSA DE ESTUDO NÃO RESTITUÍVEL (BOLSA FILANTRÓPICA) 1. INFORMAÇÕES GERAIS 1.1 Será concedida a Bolsa Filantrópica com base nos critérios básicos consignados nos

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MATO GROSSO DO SUL PROEC

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MATO GROSSO DO SUL PROEC Edital Nº 003/ 2014 - PAE- /UEMS A Pró-Reitoria de Extensão, Cultura e Assuntos Comunitários, no uso de suas atribuições legais, torna público para conhecimento da comunidade acadêmica UEMS o Edital Nº

Leia mais

FUNDASINUM Fundação de Saúde Integral Humanística TIP Clínica - Mantenedora da FUNDASINUM Renate Jost de Moraes

FUNDASINUM Fundação de Saúde Integral Humanística TIP Clínica - Mantenedora da FUNDASINUM Renate Jost de Moraes FUNDASINUM Fundação de Saúde Integral Humanística TIP Clínica - Mantenedora da FUNDASINUM Renate Jost de Moraes AVALIAÇÃO PARA CONCESSÃO DE BENEFÍCIO Fundada em 1986 e instituída pela psicóloga Renate

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS EDITAL N 0 43/2015 de 01/04/2015 PROGRAMA DE ISENÇÃO DA TAXA DE INSCRIÇÃO AOS CURSOS DE GRADUAÇÃO 2º

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZON AS PRÓ-REITORIA PARA ASSUNTOS COMUNITARIOS DEPARTAMANTO DE APOIO AO ESTUDANTE PROGRAMA BOLSA TRABLHO EDITAL Nº 001/2013

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZON AS PRÓ-REITORIA PARA ASSUNTOS COMUNITARIOS DEPARTAMANTO DE APOIO AO ESTUDANTE PROGRAMA BOLSA TRABLHO EDITAL Nº 001/2013 UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZON AS PRÓ-REITORIA PARA ASSUNTOS COMUNITARIOS DEPARTAMANTO DE APOIO AO ESTUDANTE PROGRAMA BOLSA TRABLHO EDITAL Nº 001/2013 A PRÓ-REITORA DE ASSUNTOS COMUNITÁRIOS DA UNIVERSIDADE

Leia mais

3) RELAÇÃO DA DOCUMENTAÇÃO EXIGIDA DE TODOS OS MEMBROS DA FAMÍLIA:

3) RELAÇÃO DA DOCUMENTAÇÃO EXIGIDA DE TODOS OS MEMBROS DA FAMÍLIA: 1) DA CONCESSÃO: a) Para a CONCESSÃO da Bolsa de Estudo Social será considerado como grupo familiar, além do próprio candidato, o conjunto de pessoas residindo na mesma moradia do candidato; b) O candidato

Leia mais

DOS DOCUMENTOS NECESSÁRIOS AO PROCESSO DE SELEÇÃO E MATRÍCULA

DOS DOCUMENTOS NECESSÁRIOS AO PROCESSO DE SELEÇÃO E MATRÍCULA DOS DOCUMENTOS NECESSÁRIOS AO PROCESSO DE SELEÇÃO E MATRÍCULA A Ficha Socioeconômica deve ser preenchida, sem rasuras, assinada pelo (a) candidato(a) ou pelo(a) pai, mãe e/ou responsável legal e, apresentada

Leia mais

PROGRAMAS DA POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL EDITAL Nº 03/2015

PROGRAMAS DA POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL EDITAL Nº 03/2015 PROGRAMAS DA POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL EDITAL Nº 03/2015 O Coordenador de Ensino do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba, Campus Avançado Cabedelo Centro, no uso de suas

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE - FURG PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO COMISSÃO PERMANENTE DO VESTIBULAR

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE - FURG PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO COMISSÃO PERMANENTE DO VESTIBULAR UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE - FURG PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO COMISSÃO PERMANENTE DO VESTIBULAR PROGRAMA DE ISENÇÃO DA TAXA DE INSCRIÇÃO PARA O PROCESSO SELETIVO DA FURG 1 -DA ISENÇÃO DE TAXA O Programa

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS (UFMG) COMISSÃO PERMANENTE DO VESTIBULAR (Copeve)

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS (UFMG) COMISSÃO PERMANENTE DO VESTIBULAR (Copeve) UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS (UFMG) COMISSÃO PERMANENTE DO VESTIBULAR (Copeve) EDITAL DO PROGRAMA DE ISENÇÃO DA TAXA DE INSCRIÇÃO AO VESTIBULAR (PITV) 2009 UFMG A Universidade Federal de Minas

Leia mais

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS SERVIÇO SOCIAL (Verificar em qual situação se enquadra e apresentar os documentos conforme especificado).

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS SERVIÇO SOCIAL (Verificar em qual situação se enquadra e apresentar os documentos conforme especificado). Sociedade dos Irmãos da Congregação de Santa Cruz COLÉGIO NOTRE DAME DE CAMPINAS Rua Egberto Ferreira de Arruda Camargo nº 151 Bairro Notre Dame Campinas - SP INFORMAÇÕES IMPORTANTES: Os documentos relacionados,

Leia mais

SAIBA COMO SOLICITAR O PASSE LIVRE NO TRANSPORTE COLETIVO INTERESTADUAL PARA PESSOAS DEFICIENTES

SAIBA COMO SOLICITAR O PASSE LIVRE NO TRANSPORTE COLETIVO INTERESTADUAL PARA PESSOAS DEFICIENTES SAIBA COMO SOLICITAR O PASSE LIVRE NO TRANSPORTE COLETIVO INTERESTADUAL PARA PESSOAS DEFICIENTES Com o Passe Livre, você vai poder viajar por todo o país. Use e defenda o seu direito. O bom funcionamento

Leia mais

CAMPANHA NACIONAL DE ESCOLAS DA COMUNIDADE

CAMPANHA NACIONAL DE ESCOLAS DA COMUNIDADE No ato de entrega dos documentos o candidato deve apresentar os originais e as cópias para conferência. 1.Documentos Diversos a) Cópia de documento de identificação (ou certidão de nascimento, quando menor

Leia mais

SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA

SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL Nº 15/2012 O Diretor Geral da Faculdade de Medicina de Marília, no uso de suas atribuições legais, torna público o Regulamento de Isenção de Pagamento de Taxa de Inscrição, na forma de Lei nº. 10.879,

Leia mais

ORIENTAÇÕES. - Serão exigidos os mesmos documentos para as duas modalidades: BOLSA PERMANÊNCIA E RESIDÊNCIA UNIVERSITÁRIA.

ORIENTAÇÕES. - Serão exigidos os mesmos documentos para as duas modalidades: BOLSA PERMANÊNCIA E RESIDÊNCIA UNIVERSITÁRIA. ORIENTAÇÕES - Serão exigidos os mesmos documentos para as duas modalidades: BOLSA PERMANÊNCIA E RESIDÊNCIA UNIVERSITÁRIA. - A inscrição será on line no endereço www.pae.univasf.edu.br através do preenchimento

Leia mais

O Responsável Financeiro deverá entregar cópias autenticadas/ simples ou originais de todo o grupo familiar os documentos abaixo:

O Responsável Financeiro deverá entregar cópias autenticadas/ simples ou originais de todo o grupo familiar os documentos abaixo: LISTA DE DOCUMENTOS RELAÇÃO DE DOCUMENTOS QUE DEVERÃO SER APRESENTADOS PELO REQUERENTE JUNTAMENTE COM A FICHA PREENCHIDA E ASSINADA. O Responsável Financeiro deverá entregar cópias autenticadas/ simples

Leia mais

Curso de Extensão em Direito Previdenciário

Curso de Extensão em Direito Previdenciário Curso de Extensão em Direito Previdenciário Teoria Básica dos Benefícios Previdenciários Requisitos específicos g) Aposentadoria por idade Art. 48 da Lei 8.213/91: A aposentadoria por idade será devida

Leia mais

Prefeitura do Município de Foz do Iguaçu Foz Previdência

Prefeitura do Município de Foz do Iguaçu Foz Previdência INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 05/2015 FOZPREV DATA: 18 de dezembro de 2015 SÚMULA: Estabelece a forma e os procedimentos para o Recadastramento Anual, na modalidade Prova de Vida, dos pensionistas vinculados

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS EDITAL N 0 087 de 02/08/2010 PROGRAMA DE ISENÇÃO DA TAXA DE INSCRIÇÃO / 1 0 SEMESTRE 2011 O Diretor

Leia mais

Edital de Seleção para o Programa de Assistência Estudantil PAE CAP -2016. Edital 1

Edital de Seleção para o Programa de Assistência Estudantil PAE CAP -2016. Edital 1 Edital 1 Seleção de Bolsa de Estudos conforme Lei Federal n.º 12.101, de 27 de Novembro de 2009 O Colégio de Aplicação Dr. Paulo Gissoni, mantido pelo Centro Educacional de Realengo, no uso de suas competências

Leia mais

CONCURSO VESTIBULAR FUVEST 2015 Isenção/Redução de Taxa de Inscrição

CONCURSO VESTIBULAR FUVEST 2015 Isenção/Redução de Taxa de Inscrição CONCURSO VESTIBULAR FUVEST 2015 Isenção/Redução de Taxa de Inscrição Informe nº 02/2015 16/06/2014 Deliberação sobre isenção / redução de taxa de inscrição para o Concurso Vestibular FUVEST 2015 O Vice-Reitor,

Leia mais

ANEXO 2 - LISTA DE DOCUMENTOS

ANEXO 2 - LISTA DE DOCUMENTOS ANEXO 2 - LISTA DE DOCUMENTOS 1. DOCUMENTOS ESSENCIAIS: ( ) Declaração de matrícula 1.2 Documentos de identificação do estudante: ( ) RG ou documento oficial com foto. ( ) CPF 1.3 Documentação civil: (

Leia mais

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO D E C Ex D E P A COLÉGIO MILITAR DE JUIZ DE FORA

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO D E C Ex D E P A COLÉGIO MILITAR DE JUIZ DE FORA MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO D E C Ex D E P A COLÉGIO MILITAR DE JUIZ DE FORA EDITAL Nº 01 / 2015 PARA ISENÇÃO DA QUOTA MENSAL ESCOLAR PARA ALUNOS CARENTES O Comandante e Diretor de Ensino

Leia mais

Região Metropolitana de Campinas

Região Metropolitana de Campinas MA-GRC-001 Versão: 01 Vigência: 2015 Página: 1 / 11 Região Metropolitana de Campinas 1 MA-GRC-001 Versão: 01 Vigência: 2015 Página: 2 / 11 ÍNDICE 1. Objetivo... 3 2. Direito de obtenção e utilização...

Leia mais

Caro aluno preencha TODO o formulário e APRESENTE A DOCUMENTAÇÃO solicitada, para que não haja prejuízo na avaliação de seu pedido.

Caro aluno preencha TODO o formulário e APRESENTE A DOCUMENTAÇÃO solicitada, para que não haja prejuízo na avaliação de seu pedido. FOTO 3X4 CAMPUS SOUSA COORDENAÇÃO GERAL DE ASSISTÊNCIA AO EDUCANDO/SERVIÇO SOCIAL QUESTIONÁRIO SOCIOECONÔMICO Caro aluno preencha TODO o formulário e APRESENTE A DOCUMENTAÇÃO solicitada, para que não haja

Leia mais

Medidas Provisórias nº 664 e nº 665

Medidas Provisórias nº 664 e nº 665 Medidas Provisórias nº 664 e nº 665 Perguntas e respostas Ministério da Previdência Social Auxílio-Doença Benefício pago ao segurado em caso de incapacitação temporária para o trabalho por doença ou acidente

Leia mais

LISTA DE DOCUMENTOS RELAÇÃO DE DOCUMENTOS QUE DEVERÃO SER APRESENTADOS PELO REQUERENTE JUNTAMENTE COM A FICHA PREENCHIDA E ASSINADA.

LISTA DE DOCUMENTOS RELAÇÃO DE DOCUMENTOS QUE DEVERÃO SER APRESENTADOS PELO REQUERENTE JUNTAMENTE COM A FICHA PREENCHIDA E ASSINADA. LISTA DE DOCUMENTOS RELAÇÃO DE DOCUMENTOS QUE DEVERÃO SER APRESENTADOS PELO REQUERENTE JUNTAMENTE COM A FICHA PREENCHIDA E ASSINADA. O Responsável Financeiro deverá entregar cópias autenticadas/ simples

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO PRÓ-REITORIA DE GESTÃO ESTUDANTIL FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO PRÓ-REITORIA DE GESTÃO ESTUDANTIL FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO PRÓ-REITORIA DE GESTÃO ESTUDANTIL FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO PROGRAMA DE RESIDÊNCIA ESTUDANTIL Os programas de assistência estudantil da UFRPE

Leia mais

REGULAMENTO PROCESSO SELETIVO PARA BOLSA ALUNO CARENTE 2015

REGULAMENTO PROCESSO SELETIVO PARA BOLSA ALUNO CARENTE 2015 SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA MANTENEDORA DA PUCMINAS E DO COLÉGIO SANTA MARIA REGULAMENTO PROCESSO SELETIVO PARA BOLSA ALUNO CARENTE 2015 1. INSCRIÇÃO 1.1 Poderão participar do Processo, de que trata este

Leia mais

1. OBJETIVO Prestar atendimento ao cidadão de maneira rápida, eficiente e eficaz, de acordo com os requisitos especificados pelo cliente.

1. OBJETIVO Prestar atendimento ao cidadão de maneira rápida, eficiente e eficaz, de acordo com os requisitos especificados pelo cliente. Sistema de Gestão da Qualidade SUPERINTENDÊNCIA DE VAPT VUPT E ATENDIMENTO AO PÚBLICO INSTRUÇÃO DE TRABALHO DE ATENDIMENTO AO CIDADÃO - SECRETARIA DA PROMOÇÃO SOCIAL DE GOIANÉSIA Responsável: Ueliton Talles

Leia mais

Portaria Interministerial MPS/MF/MP/MDS/SEP Nº 1 DE 01/08/2014

Portaria Interministerial MPS/MF/MP/MDS/SEP Nº 1 DE 01/08/2014 Portaria Interministerial MPS/MF/MP/MDS/SEP Nº 1 DE 01/08/2014 Publicado no DO em 4 ago 2014 Dispõe sobre a concessão e manutenção do benefício assistencial devido aos trabalhadores portuários avulsos

Leia mais

Programa de Comprometimento e Gratuidade - PCG EDITAL 01/2015 PCG/SESC/PA

Programa de Comprometimento e Gratuidade - PCG EDITAL 01/2015 PCG/SESC/PA EDITAL 01/2015 PCG/SESC/PA O(a) Diretor(a) do Departamento Regional do Serviço Social do Comércio/SESC Administração Regional no Estado do Pará, no uso de suas atribuições, TORNA PÚBLICO o processo seletivo

Leia mais

Secretaria Municipal de Cidadania e Assistência Social SEMCAS

Secretaria Municipal de Cidadania e Assistência Social SEMCAS Secretaria Municipal de Cidadania e Assistência Social SEMCAS Passo Fundo - RS 2010 Serviços e Seguridade Social Registro Civil Endereço: Morom, 1120 Centro Horário: 9h às 17h sem fechar ao meio-dia Telefone:

Leia mais

INDAIAL SANTA CATARINA CONSELHO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL RESOLUÇÃO Nº 001/2010

INDAIAL SANTA CATARINA CONSELHO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL RESOLUÇÃO Nº 001/2010 INDAIAL SANTA CATARINA CONSELHO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL RESOLUÇÃO Nº 001/2010 DISPÕE SOBRE APROVAÇÃO DO BENEFÍCIO ALIMENTAÇÃO. O Conselho Municipal de Assistência Social de Indaial, no uso de suas

Leia mais

EDITAL COPEPS Nº 25/2014

EDITAL COPEPS Nº 25/2014 EDITAL COPEPS Nº 25/2014 Retifica Edital COPEPS Nº 23/2014 que dispõe sobre a comprovação da condição de beneficiário das vagas reservadas, conforme as modalidades de concorrência, referente ao Processo

Leia mais

Serviços Relacionados à Pessoa Jurídica

Serviços Relacionados à Pessoa Jurídica Serviços Relacionados à Pessoa Jurídica Atenção: Documentos apresentados em fotocópia devem ser autenticados em Cartório ou acompanhados dos originais para receberem autenticação do CREA. Documentos obrigatórios

Leia mais

EDITAL N.º 01 PROGRAMAS DE INGRESSO PROGRAD PROGRAMA DE ISENÇÃO ou REDUÇÃO DA TAXA DE INSCRIÇÃO DO CONCURSO VESTIBULAR 2011 E PISM

EDITAL N.º 01 PROGRAMAS DE INGRESSO PROGRAD PROGRAMA DE ISENÇÃO ou REDUÇÃO DA TAXA DE INSCRIÇÃO DO CONCURSO VESTIBULAR 2011 E PISM O Pró-Reitor de Graduação da Universidade Federal de Juiz de Fora PROGRAD/UFJF, torna público que, no período de 17 a 29 de junho de 2010, serão recebidos os pedidos de isenção ou de redução do pagamento

Leia mais

MAURO LUIZ RABELO Diretor-Geral do CESPE/UnB

MAURO LUIZ RABELO Diretor-Geral do CESPE/UnB UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA (UnB) CENTRO DE SELEÇÃO E DE PROMOÇÃO DE EVENTOS DA UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA (CESPE/UnB) PROGRAMA DE AVALIAÇÃO SERIADA (PAS) E 1.º VESTIBULAR DE 2008 EDITAL N.º 1 PAS/1.º VEST

Leia mais

EDITAL N O 01/2014 POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL POLAE PROGRAMA DE ATENDIMENTO AO ESTUDANTE EM VULNERABILIDADE SOCIAL BENEFÍCIO PERMANENTE

EDITAL N O 01/2014 POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL POLAE PROGRAMA DE ATENDIMENTO AO ESTUDANTE EM VULNERABILIDADE SOCIAL BENEFÍCIO PERMANENTE EDITAL N O 01/2014 POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL POLAE PROGRAMA DE ATENDIMENTO AO ESTUDANTE EM VULNERABILIDADE SOCIAL BENEFÍCIO PERMANENTE A Diretoria Geral do Campus CAMPO MAIOR, por meio do Serviço

Leia mais

PROCEDIMENTOS ADMINISTRATIVOS PASEP - PROGRAMA DE FORMAÇÃO DO PATRIMÔNIO DO SERVIDOR PÚBLICO

PROCEDIMENTOS ADMINISTRATIVOS PASEP - PROGRAMA DE FORMAÇÃO DO PATRIMÔNIO DO SERVIDOR PÚBLICO PROCEDIMENTOS ADMINISTRATIVOS PASEP - PROGRAMA DE FORMAÇÃO DO PATRIMÔNIO DO SERVIDOR PÚBLICO 1 CONCEITO O Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público - PASEP foi criado pelo Governo Federal

Leia mais

PROGRAMAS DA POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL EDITAL Nº

PROGRAMAS DA POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL EDITAL Nº MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA CÂMPUS MONTEIRO PROGRAMAS DA POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL EDITAL

Leia mais

Assessoria Especial à Pessoa com Deficiência ( Orientação para pessoas com deficiência)

Assessoria Especial à Pessoa com Deficiência ( Orientação para pessoas com deficiência) Carteira de Identidade ou Certidão de Nascimento (criança); Cartão do SUS, título de eleitor e CPF; Comprovante de renda de até 3 salários mínimos (individual); Comprovante de residência com CEP (água,

Leia mais

ANEXO I PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL FORMULÁRIO DE AVALIAÇÃO SOCIOECONÔMICA

ANEXO I PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL FORMULÁRIO DE AVALIAÇÃO SOCIOECONÔMICA ANEXO I Foto 3x4 (Obrigatória) PROTOCOLO: PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL FORMULÁRIO DE AVALIAÇÃO SOCIOECONÔMICA Eu,, discente regularmente matriculado(a) no Curso de, do Instituto Federal de Educação,

Leia mais

PORTARIA FDA Nº 003/2014 APROVA REGULAMENTO DE BOLSA DE ESTUDO DOAÇÃO DO COLÉGIO DOM AGUIRRE CDA 2015

PORTARIA FDA Nº 003/2014 APROVA REGULAMENTO DE BOLSA DE ESTUDO DOAÇÃO DO COLÉGIO DOM AGUIRRE CDA 2015 PORTARIA FDA Nº 003/2014 APROVA REGULAMENTO DE BOLSA DE ESTUDO DOAÇÃO DO COLÉGIO DOM AGUIRRE CDA 2015 O Secretário Executivo da Fundação Dom Aguirre, Professor Doutor Rogério Augusto Profeta, no uso de

Leia mais

REGULAMENTO DE RENOVAÇÃO DA BOLSA DE ESTUDO DOAÇÃO 2º SEMESTRE DE 2013 FINALIDADE

REGULAMENTO DE RENOVAÇÃO DA BOLSA DE ESTUDO DOAÇÃO 2º SEMESTRE DE 2013 FINALIDADE REGULAMENTO DE RENOVAÇÃO DA BOLSA DE ESTUDO DOAÇÃO 2º SEMESTRE DE 2013 FINALIDADE Art. 1º. O Programa de Bolsa de Estudo Doação, instituído pela Fundação Dom Aguirre, Entidade Mantenedora da Universidade

Leia mais

de Prestação Continuada da Assistência Social BPC, direito de cidadania, instituído pela Constituição Federal de 1988, garantido no âmbito da

de Prestação Continuada da Assistência Social BPC, direito de cidadania, instituído pela Constituição Federal de 1988, garantido no âmbito da C a r t i l h a APRESENTAÇÃO Esta cartilha tem por finalidade fornecer informações sobre o Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social BPC, direito de cidadania, instituído pela Constituição

Leia mais

EDITAL N O 01/2014 POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL POLAE PROGRAMA DE ATENDIMENTO AO ESTUDANTE EM VULNERABILIDADE SOCIAL BENEFÍCIO PERMANENTE

EDITAL N O 01/2014 POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL POLAE PROGRAMA DE ATENDIMENTO AO ESTUDANTE EM VULNERABILIDADE SOCIAL BENEFÍCIO PERMANENTE EDITAL N O 01/2014 POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL POLAE PROGRAMA DE ATENDIMENTO AO ESTUDANTE EM VULNERABILIDADE SOCIAL BENEFÍCIO PERMANENTE A Diretoria Geral do Campus Paulistana, por meio da Diretoria/Coordenação

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO - UNIRIO PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO COORDENAÇÃO DE SELEÇÃO E ACESSO - COSEA

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO - UNIRIO PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO COORDENAÇÃO DE SELEÇÃO E ACESSO - COSEA PROCESSO SELETIVO DISCENTE CONCURSO VESTIBULAR 2008 EDITAL DE ISENÇÃO DA TAXA DE INSCRIÇÃO nº 12/2007 A Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO) faz saber, por meio do presente Edital,

Leia mais

FIES Fundo de Financiamento ao Estudante ORIENTAÇÕES E PASSO A PASSO Para solicitar o financiamento, o estudante deverá se inscrever pelo sistema informatizado do FIES no endereço eletrônico: http://sisfiesportal.mec.gov.br

Leia mais

A Bolsa de Estudo não está condicionada a nenhuma forma de desembolso monetário ou assunção de compromissos de prestação de serviços.

A Bolsa de Estudo não está condicionada a nenhuma forma de desembolso monetário ou assunção de compromissos de prestação de serviços. EDITAL - 2010 A União Brasileira de Educação e Ensino UBEE e a União Norte Brasileira de Educação e Cultura - UNBEC mantenedoras dos Colégios e Faculdades Maristas, no uso de suas atribuições previstas

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS ANEXO IV

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS ANEXO IV ANEXO IV DOCUMENTOS EXIGIDOS PARA OS CANDIDATOS APROVADOS PELA RESERVA DE VAGAS LEI 12.711 1. Não será aceita documentação incompleta. a) Modalidade 1 Reserva de Vagas: Escola Pública, Cor/Etnia e Renda

Leia mais

Colégio Nossa Senhora Auxiliadora CNPJ: 56.012.131/0001-43

Colégio Nossa Senhora Auxiliadora CNPJ: 56.012.131/0001-43 Edital 2016 PROCESSO SELETIVO PARA RENOVAÇÃO E/OU CONCESSÃO DE BOLSA DE ESTUDO 1. DO PROCESSO SELETIVO ANO LETIVO / 2016 1.1 O Colégio Nossa Senhora Auxiliadora,, por seu representante legal, no uso de

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PARA O PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL NA MODALIDADE AUXÍLIO TRANSPORTE EDITAL Nº 01/2014

PROCESSO SELETIVO PARA O PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL NA MODALIDADE AUXÍLIO TRANSPORTE EDITAL Nº 01/2014 PROCESSO SELETIVO PARA O PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL NA MODALIDADE AUXÍLIO TRANSPORTE EDITAL Nº 01/2014 O Diretor Geral do Colégio Universitário da Universidade Federal do Maranhão no uso de suas

Leia mais

BENEFÍCIO DE PRESTAÇÃO CONTINUADA DA ASSISTÊNCIA SOCIAL - BPC

BENEFÍCIO DE PRESTAÇÃO CONTINUADA DA ASSISTÊNCIA SOCIAL - BPC BENEFÍCIO DE PRESTAÇÃO CONTINUADA DA ASSISTÊNCIA SOCIAL - BPC CONSTITUIÇÃO FEDERAL DE 1988 O artigo que trata da garantia de um salário mínimo ao idoso e a pessoa com deficiência, foi inserido na Constituição

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS UFMG COMISSÃO PERMANENTE DO VESTIBULAR COPEVE

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS UFMG COMISSÃO PERMANENTE DO VESTIBULAR COPEVE UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS UFMG COMISSÃO PERMANENTE DO VESTIBULAR COPEVE EDITAL DO PROGRAMA DE ISENÇÃO DA TAXA DE INSCRIÇÃO AO VESTIBULAR (PITV) UFMG 2015 1. DAS INFORMAÇÕES GERAIS A Universidade

Leia mais

Curso Semipresencial de Licenciatura em Ciências 2015

Curso Semipresencial de Licenciatura em Ciências 2015 CURSO SEMIPRESENCIAL Informe nº 01/2015 11.07.2014 Curso Semipresencial de Licenciatura em Ciências 2015 Vestibular para o Curso de Licenciatura em Ciências - Modalidade EaD (semipresencial) - 2015, oferecido

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS CRONOGRAMA DE MATRÍCULA ENSINO TÉCNICO 2016/1

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS CRONOGRAMA DE MATRÍCULA ENSINO TÉCNICO 2016/1 CRONOGRAMA DE MATRÍCULA ENSINO TÉCNICO 2016/1 TODOS OS CANDIDATOS DEVERÃO PREENCHER E IMPRIMIR O FORMULÁRIO DE PRÉ-MATRÍCULA QUE ESTARÁ DISPONÍVEL NO SITE www.copeve.cefetmg.br DO DIA 15 DE DEZEMBRO DE

Leia mais

REGULAMENTO DE BOLSA DE ESTUDO SOCIAL 2015

REGULAMENTO DE BOLSA DE ESTUDO SOCIAL 2015 REGULAMENTO DE BOLSA DE ESTUDO SOCIAL 2015 I DO CONCEITO Art. 1º. Entende-se como Bolsa de Estudo Social, a concessão de descontos, em virtude da situação financeira momentânea do aluno, de até 40% (quarenta

Leia mais

ANEXO I. FORMULÁRIO DE SOLICITAÇÃO para estudantes inscritos em um ou mais programas da Assistência Estudantil PROENS

ANEXO I. FORMULÁRIO DE SOLICITAÇÃO para estudantes inscritos em um ou mais programas da Assistência Estudantil PROENS ANEXO I FORMULÁRIO DE SOLICITAÇÃO para estudantes inscritos em um ou mais programas da Assistência Estudantil PROENS ( ) Fiz inscrição para o Programa de Bolsas de Inclusão Social - PBIS Edital 003/2014

Leia mais

LISTA DE DOCUMENTOS ProUni 2 º Semestre 2013

LISTA DE DOCUMENTOS ProUni 2 º Semestre 2013 LISTA DE DOCUMENTOS ProUni 2 º Semestre 2013 1. INFORMAÇÕES GERAIS 1.1 Os candidatos pré-selecionados deverão entregar cópia simples dos documentos adiante solicitados de todos aqueles que compõem a família.

Leia mais

Recadastramento de Aposentados e Pensionistas

Recadastramento de Aposentados e Pensionistas MINISTÉRIO DAS RELAÇÕES EXTERIORES Subsecretaria-Geral do Serviço Exterior Departamento do Serviço Exterior Recadastramento de Aposentados e Pensionistas Recadastramento A partir de 2013, o recadastramento

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. Informe

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. Informe Informe Conforme previsto no Edital nº 03, 10 de abril de 2015 http://www.sm.ifes.edu.br/site/arquivo/diversos/editais/2015/ed-pae-2015-03.pdf, a Direção-Geral do campus São Mateus do Instituto Federal

Leia mais

ATENÇÃO: 1º e 2 CHAMADA E LISTA DE ESPERA PROUNI 1º/2016. Conforme edital do PROUNI, as inscrições ocorrerão da seguinte forma:

ATENÇÃO: 1º e 2 CHAMADA E LISTA DE ESPERA PROUNI 1º/2016. Conforme edital do PROUNI, as inscrições ocorrerão da seguinte forma: ATENÇÃO: 1º e 2 CHAMADA E LISTA DE ESPERA PROUNI 1º/2016. Conforme edital do PROUNI, as inscrições ocorrerão da seguinte forma: As inscrições para as bolsas da 1º e 2º chamada e lista de espera do Prouni

Leia mais

INSCRIÇÃO PARA FIES 2015/1

INSCRIÇÃO PARA FIES 2015/1 INSCRIÇÃO PARA FIES 2015/1 ADMINISTRAÇÃO ENFERMAGEM ENGENHARIA CIVIL A inscrição para adquirir o FIES 2015/1 para os cursos de Administração, Enfermagem e Engenharia Civil será feita exclusivamente pelo

Leia mais

1º EDITAL UNIFICADO PARA EDUCAÇÃO BÁSICA CONCESSÃO DA BOLSA SOCIAL DE ESTUDO PARA O ANO LETIVO DE 2016

1º EDITAL UNIFICADO PARA EDUCAÇÃO BÁSICA CONCESSÃO DA BOLSA SOCIAL DE ESTUDO PARA O ANO LETIVO DE 2016 CHECKLIST Conferência de Documentos Bolsa Social de Estudo (Concessão) Nº DO PROCESSO: DATA: ALUNO: MATRÍCULA: SÉRIE: Quantidade de Membros: ANO: DOCUMENTOS RG e CPF De todos os membros maiores de 18 anos.

Leia mais

EDITAL DE 24 DE JULHO DE 2012 2º VESTIBULAR SOCIAL

EDITAL DE 24 DE JULHO DE 2012 2º VESTIBULAR SOCIAL UNIABEU CENTRO UNIVERSITÁRIO EDITAL DE 24 DE JULHO DE 2012 2º VESTIBULAR SOCIAL O Reitor da UNIABEU - Centro Universitário torna pública a abertura de inscrições para o Vestibular Social, para o 2º semestre

Leia mais

BPC - Benefício de Prestação Continuada

BPC - Benefício de Prestação Continuada BPC - Benefício de Prestação Continuada O que é a Renda Mensal Vitalícia - RMV? A Renda Mensal Vitalícia (RMV) foi criada por meio da Lei nº 6.179/74 como benefício previdenciário destinado às pessoas

Leia mais

REGRAS DE APOSENTADORIAS

REGRAS DE APOSENTADORIAS REGRAS DE APOSENTADORIAS Cartilha elaborada para reunião com servidores de Betim - Maio/2015 O IPREMB O IPREMB é uma autarquia que operacionaliza e administra o Regime Próprio de Previdência Social (RPPS)

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO DIREÇÃO DE ASSUNTOS COMUNITÁRIOS E ESTUDANTIS DACE REITORIA EDITAL DO AUXÍLIO-MORADIA 2014.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO DIREÇÃO DE ASSUNTOS COMUNITÁRIOS E ESTUDANTIS DACE REITORIA EDITAL DO AUXÍLIO-MORADIA 2014. UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO DIREÇÃO DE ASSUNTOS COMUNITÁRIOS E ESTUDANTIS DACE REITORIA EDITAL DO AUXÍLIO-MORADIA 2014.2 Chamada para seleção de estudantes de graduação, candidatos

Leia mais

Lista de Documentos Bolsas Processo - 2015/02 2016/01

Lista de Documentos Bolsas Processo - 2015/02 2016/01 Lista de Documentos Bolsas Processo - 2015/02 2016/01 ATENÇÃO CANDIDATO: - Organize as cópias dos documentos na ordem abaixo e separados conforme a ordem do documento; - Junte cópia da documentação e entregue

Leia mais

ROTEIRO OPERACIONAL EMPRÉSTIMO PESSOAL

ROTEIRO OPERACIONAL EMPRÉSTIMO PESSOAL ROTEIRO OPERACIONAL EMPRÉSTIMO PESSOAL 1 Sumário 1. EMPRÉSTIMO PESSOAL...3 1.1 EP Cheque...3 1.1.1 Características Gerais do EP Cheque...3 1.1.2 Política de Formalização do EP Cheque...3 1.2 EP Carnê...4

Leia mais

GUIA PRÁTICO PENSÃO SOCIAL DE VELHICE INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P

GUIA PRÁTICO PENSÃO SOCIAL DE VELHICE INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P GUIA PRÁTICO PENSÃO SOCIAL DE VELHICE INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático Pensão Social de Velhice (7009 v4.15) PROPRIEDADE Instituto da Segurança Social, I.P. AUTOR Centro

Leia mais

EDITAL DE BOLSA SOCIAL 2015

EDITAL DE BOLSA SOCIAL 2015 EDITAL DE BOLSA SOCIAL 2015 A Diretoria de Colégios da ABEU Colégios, no uso de suas atribuições, torna público o Edital para o Processo de Concessão de Bolsas Sociais destinadas a estudantes regularmente

Leia mais

INSTITUTO DAS APÓSTOLAS DO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS Rua Coronel Melo de Oliveira, 221 Pompéia São Paulo SP - CNPJ: 61.015.

INSTITUTO DAS APÓSTOLAS DO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS Rua Coronel Melo de Oliveira, 221 Pompéia São Paulo SP - CNPJ: 61.015. INSTITUTO DAS APÓSTOLAS DO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS Rua Coronel Melo de Oliveira, 221 Pompéia São Paulo SP - CNPJ: 61.015.087/0001-65 Quadra 110 Norte Alameda 21 Lote 33 Fone: (63) 3215-9200 Fax: (63)

Leia mais

INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA MUNICIPAL DE GOV. VALADARES Departamento de Benefícios

INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA MUNICIPAL DE GOV. VALADARES Departamento de Benefícios DIREITOS PREVIDENCIÁRIOS DO SERVIDOR PÚBLICO O RPPS é estabelecido por lei elaborada em cada um dos Estados, dos Municípios e do Distrito Federal, e se destina exclusivamente aos servidores públicos titulares

Leia mais

O Programa de Isenção da Taxa de Inscrição a esse Processo Seletivo será regido por este Edital.

O Programa de Isenção da Taxa de Inscrição a esse Processo Seletivo será regido por este Edital. UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS EDITAL DO PROGRAMA DE ISENÇÃO DA TAXA DE INSCRIÇÃO AO PROCESSO SELETIVO DA ESCOLA DE EDUCAÇÃO BÁSICA E PROFISSIONAL A Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) faz

Leia mais

EDITAL DE BOLSA SOCIAL 2015.2 2ª SELEÇÃO PARA ALUNOS DE RENOVAÇÃO

EDITAL DE BOLSA SOCIAL 2015.2 2ª SELEÇÃO PARA ALUNOS DE RENOVAÇÃO EDITAL DE BOLSA SOCIAL 2015.2 2ª SELEÇÃO PARA ALUNOS DE RENOVAÇÃO O Reitor no uso de suas atribuições, torna público o Edital para o Processo de Concessão de Bolsas Sociais. O Programa de Bolsas Sociais

Leia mais

EDITAL VESTIBULAR SOCIAL 2015.2

EDITAL VESTIBULAR SOCIAL 2015.2 UNIABEU CENTRO UNIVERSITÁRIO EDITAL VESTIBULAR SOCIAL 2015.2 O Reitor do UNIABEU - Centro Universitário torna pública a abertura de inscrições para o Processo Seletivo Social, para o 2º semestre de 2015,

Leia mais

Solicitação de Pensão Previdenciária por morte do(a) Associado(a);

Solicitação de Pensão Previdenciária por morte do(a) Associado(a); Solicitação de Pensão Previdenciária por morte do(a) Associado(a); Quem são os dependentes: Cônjuge, companheiro(a), filhos menores de 21 anos, não emancipados ou inválidos e filhos até 24 anos cursando

Leia mais

FACULDADE DE MEDICINA VETERINÁRIA E ZOOTECNIA

FACULDADE DE MEDICINA VETERINÁRIA E ZOOTECNIA UNESP CAMPUS DE BOTUCATU FACULDADE DE MEDICINA VETERINÁRIA E ZOOTECNIA EDITAL-56/2011-DDTA A Diretoria da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia UNESP Campus de Botucatu, torna público que estarão

Leia mais

MA-GCF-002 Versão: 01 Vigência: 2013 Página: 1 / 14

MA-GCF-002 Versão: 01 Vigência: 2013 Página: 1 / 14 MA-GCF-002 Versão: 01 Vigência: 2013 Página: 1 / 14 MA-GCF-002 Versão: 01 Vigência: 2013 Página: 2 / 14 ÍNDICE 1. Objetivo... 3 2. Direito de obtenção e utilização... 4 3. Sem direito ao benefício do passe

Leia mais

INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE O SEGURO DESEMPREGO

INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE O SEGURO DESEMPREGO INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE O SEGURO DESEMPREGO Benefício temporário concedido ao trabalhador desempregado dispensado sem justa causa é composto por 3 a 5 parcelas mensais, pagas em dinheiro, de valores

Leia mais

LISTA DE DOCUMENTOS PARA OS CANDIDATOS A ASSISTÊNCIA SOCIAL EDUCACIONAL (BOLSA DE ESTUDO) 2013.2

LISTA DE DOCUMENTOS PARA OS CANDIDATOS A ASSISTÊNCIA SOCIAL EDUCACIONAL (BOLSA DE ESTUDO) 2013.2 LISTA DE DOCUMENTOS PARA OS CANDIDATOS A ASSISTÊNCIA SOCIAL EDUCACIONAL (BOLSA DE ESTUDO) 2013.2 Documentos Pessoais e do Grupo Familiar: ( )Uma foto atual 3x4 do aluno; ( )Cópia do comprovante de residência

Leia mais

COMUNICADO. Assunto: Bolsas de Estudos 2015

COMUNICADO. Assunto: Bolsas de Estudos 2015 COMUNICADO Assunto: Bolsas de Estudos 2015 O Colégio Franciscano Santa Clara informa os critérios para concorrer à bolsa de estudos 2015, aos candidatos que cumprirem com as seguintes condições: 1º Requisitos:

Leia mais