MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal da Integração Latino Americana. Pregão Eletrônico Nº 00029/2014 RESULTADO POR FORNECEDOR

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal da Integração Latino Americana. Pregão Eletrônico Nº 00029/2014 RESULTADO POR FORNECEDOR"

Transcrição

1 PREGÃO ELETRÔNICO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal da Integração Latino Americana Pregão Eletrônico Nº 00029/2014 RESULTADO POR FORNECEDOR / AGIMED COMERCIO DE EQUIPAMENTOS LTDA ME Item Descrição Unidade de Fornecimento Quantidade Valor Unitário Valor Global 5 MANEQUIM Unidade 4 R$ ,0000 R$ ,0000 Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: Manequim corpo inteiro adulto p/ reanimação cardio pulmonar, intubação e com feedback em tempo real 4 unidades + um dispositivo tipo tablet que permita o comando dos 4 manequins simultaneamente CÓDIGO SIMULADOR Unidade 4 R$ 4.249,9975 R$ ,9900 Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: Simulador de gerenciamento de vias aéreas e entubação tamanho pediátrico ( criança com aproximadamente 6 anos) CÓDIGO PEDIATRIC INTUBATION TRAINER 14 SIMULADOR Unidade 4 R$ 3.175,0000 R$ ,0000 Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: Simulador de gerenciamento de vias aéreas e entubação tamanho bebê (aproximadamente 3 meses) CÓDIGO INFANT ARIWAY MANAGEMENT TRAINER 16 SIMULADOR Unidade 2 R$ 1.963,6650 R$ 3.927,3300 Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: Simulador de cricotirotomia. CÓDIGO CRIOCOID STIK TRAINER 17 MANEQUIM Unidade 4 R$ 4.662,2500 R$ ,0000 Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: Manequim simulador adulto torso para acesso venoso central LAERDAL IV TORSO 18 SIMULADOR Unidade 2 R$ 4.400,0000 R$ 8.800,0000 Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: Simulador para descompressão torácica CÓDIGO PNEUMOTORAX TRAINER 22 SIMULADOR Unidade 2 R$ 6.400,0000 R$ ,0000 Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: Simulador de treinamento de enema e cateterização vesical CÓDIGO AT KELLY TORSO Total do Fornecedor: R$ , / LAERDAL MEDICAL IMPORTACAO E COMERCIO DE PRODUTOS MEDIC ItemDescrição Unidade de Fornecimento Quantidade Valor Unitário Valor Global 6 SIMULADOR Unidade 2 R$ ,0000 R$ ,0000 Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: Modelo: ALS Sumulator +Simpad + Monitor / Simulator de paciente tamanho adulto, com distribuição natural de peso e articulação. Deve ser realístico, voltado para treinamento avançado de via aérea obstruídas e difíceis, terapia de IV, desfibrilação cardíaca, medida de pressão arterial não invasiva, auscultação e reconhecimento de sons cardíacos e pulmonares. O sistema deve permitir ao aluno, o gerenciamento de crises e vias aéreas difíceis, tanto típicas quanto atípicas, reconhecimento e exibição de ECG, desfibrilação, cardioversão sincronizada, interpretação e tratamento de situações letais e malignas relacionadas a situações cardíacas, verificação de pressões sanguíneas e auscultação, reconhecimento e tratamento de uma variedade de sons cardíacos, respiratórios, intestinais e vocais. O sistema deve ter as seguintes características: Vias aéreas; Inclinação da cabeça para trás ou gira 90, pescoço tenha pele substituível para técnicas de praticas de cricotomia, as pupilas devem propiciar condições clínicas diferentes (normal, contraídas, dilatadas), respiração espontânea, ventilação com Ressuscitador, mascaras e tubos, inserção orofaríngea e nasofaríngea das vias aéreas, aplicação de Combitube e de LMA; entubação endotraquel, nasotraqueal, retrógrada, por light wand, transtraqueal; cricotireoidectomia com agulha e cirúrgica; língua inflável para simular uma via aérea obstruída; permita técnicas de sucção; auscultação estomacal para verificar o próprio posicionamento de via aérea; obstrução dos pulmões (dir/esq ambos); Respiração Espontânea, permita a utilização de cenário de pré definidos; Habilidades Circulatórias e Administração de Droga; braço de IV articulado com pele e sistema de veia substituível, que permite infusão de terapias intravenosa periférica e cuidado do local, venopunção possível na fossa https://www.comprasnet.gov.br/livre/pregao/fornecedorresultado.asp?prgcod=518468&strtipopregao=e 1/10

2 anticubital e dorso da mão, local para injeções subcutânea e intramuscular; Descompressão do Pneumotórax e inserção de tubo torácico, local médio clavicular bilateral para descompressão com agulha, lado direito médio axilar para descompressão com agulha e inserção de tubo torácico em médio axilar; Pressão Sanguínea, simulação de pressão sanguínea auscultada e apalpada, sons de Korotkoff sincronizados com ECG programável, controle do volume de sons de Korotkoff em 10 etapas, 0 9, pressões sistólica e diastólica podem ser ajustadas individualmente em passos de 2 mmhg, pressão sistólica de 0 a 300 mmhg, diastólica de 0 a 300 mmhg, intervalo de auscultação com função liga / desliga, precisão da pressão ± 2 mmhg, função de calibração para ajustar o sensor de pressão e indicador no manguito; Pulsos, carotídeo, braquial, radial e umbilical, pulsos sincronizados com ECG, intensidades do pulso ajustados de modo dependente ou independente, pulso braquial desligado quando a pressão do manguito BP estiver acima de 20 mmhg, pulso radial desligado quando a pressão do manguito BP estiver acima do nível sistólico BP; ECG de 3 a 4 derivações, capacidades de marcapasso e desfibrilação, conjunto abrangente de ECG, ECG de 12 derivações; Sons cardíacos sincronizados com ECG, sons pulmonares auscultados sincronizados com respiração, 0 a 60 rpm, seleção individual de sons pulmonares, sons intestinais normais e anormais, sons de voz: gerados por computador, gravados de voz e entrada de voz em tempo real via fones de ouvido e microfone. Capacidade de punção intra óssea em um dos membros inferiores. O sistema deve ser comandado remotamente por um tablet com tela colorida mínima de 5,7" e operação em tela touch screen. Os sistemas compostos por manequim, unidade de controle do instrutor e monitor de paciente devem se comunicar por meu de rede IP ou wi fi. O manequim e a unidade de controle do instrutor, devem ter autonomia para operarem com baterias de 3 a 4 horas, de forma a propiciar sua mobilidade durante o treinamento. A Unidade de controle do instrutor, além de alterar manualmente as funções do simulador, deve possibilitar a criação de cenários ou rotinas automáticas, rodar cenários previamente programados, baixar de um computador ou da internet cenários pré programados (compatíveis com o sistema), criar check lists, editar textos durante a execução do cenário, cadastrar dados do aluno e gerar log de eventos da simulação. O monitor simulado de paciente deve ser de no mínimo 23 polegadas, wi fi, touchscreen, possuir parâmetros de ECG, SpO2, CO2, ABP, NIBP, Temperatura e frequência respiratória, ECG de 12 derivações e alarme de multi níveis. O arquivo de debriefing deve de ser possível de ser visualizado; inserir comentários; impresso ou salvo para visualização futura em qualquer computador equipado com Windows VISTA, Windows XP, Win7; O equipamento deve ser fornecido com: Simulador de paciente de corpo inteiro, unidade de controle do instrutor, monitor de paciente simulado, 1 conjunto de acessórios simulando trauma (com no mínimo 7 peças), 6 peles de pescoço para Cricotiroidectomia... 7 MANEQUIM Unidade 2 R$ ,0000 R$ ,0000 Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: Modelo: Resusci Anne Simulator + Módulo de Trauma / Marca: Laerdal Medcial: Manequim realístico adulto, corpo inteiro com respiração espontânea, projetado para atender aos objetivos de aprendizagem sobre atendimento básico de saúde e suporte intermediário. O simulador deve permitir treinamento para RCP, desfibrilação, reconhecimento de sinais vitais e procedimentos de manejo de vias aéreas supraglóticas. Deve ter respiração espontânea, voz, sons, pressão arterial e ECG. Deve possuir dispositivo que permita ao instrutor o monitoramento e registro da performance das manobras de RCP e avaliação posterior dos eventos da ventilação e compressão. O dispositivo de controle do simulador, deve permitir o acionamento das funções do manequim e a monitoração da performance da RCP do aluno simultaneamente à pratica, por intermédio de um sistema sem fio, tela sensível ao toque (touchscreen) colorida de no mínimo 5,7. A tela do dispositivo de controle deve exibir as seguintes informações: Expansão torácica, profundidade da compressão, taxa de compressão, o volume ventilado, as curvas de compressão com profundidade atingida em cada compressão e liberação do tórax, curvas de ventilação com nivel em ml ventilado e tempo entre cada ventilação. O sistema deve permitir a criação de um arquivo com os registros da performance de RCP de cada aluno, com as seguintes informações básicas: tempo de sessão, o número de ciclos, tempo de fluxo e posicionamento das mãos, análise das compressões com percentual de sucesso, análise das ventilações e análise detalhada da RCP ao longo do tempo. Deve ainda exibir os Sinais Vitais:ECG, etco2, temperatura, Respiração e SpO2 tanto na tela do dispositivo de controle como num monitor de paciente opcional. Deve permitir a inclinação da cabeça e levantamento da mandíbula, ventilação com Ressuscitador, mascaras e tubos, inserção orofaríngea e nasofaríngea das vias aéreas, aplicação de combitube, LMA. Deve ter pupilas cambiáveis para simular condições clínicas diferentes (normal, contraídas, dilatadas), permitir a obstrução das vias respiratória para a ventilação, ter respiração espontânea e taxa respiratória variável, cartilagem cricóide (permitir a Manobra de Sellick), braço de treinamento IV com substituição de pele e veias, local para injeções subcutânea e intramuscular, pulso carotídeo, braquial e radial, sincronização de pulso com ECG ou compressões torácicas, pressão do pulso dependendo da seleção da pressão sanguínea e da posição anatômica, desfibrilação por Desfibriladores Externo Automatizado (AED) ou desfibriladores manuais reais, compatível com monitores de ECG/ desfibriladores com 3 ou 4 derivações reais, as compressões durante RCP devem gerar artefactos em ECG, permitir a medição da pressão sanguínea automaticamente, auscultado ou apalpado, o braço com pressão sanguínea com sons de Korotkoff sincronizado com pulso para auscultação e palpação, permitir a alteração da Pressão Sanguínea: Sistólicas e diastólicas possam ser fixadas independentemente, o manequim deve permitir o instrutor se comunicar com o aluno por intermédio de alto falantes instalados internamente ao simulador e o uso de um fone de ouvido de forma que a comunicação seja bidirecional e sem fios, deve possuir sons vocais, pré programados ou gravados pelo usuário, sons cardíacos sincronizados com ECG, sons pulmonares direito e esquerdo independentes, ajuste de volume independente. O sistema deve permite ao usuário a criação de seu próprios casos clínicos e instalar no sistema de controle do simulador, bem como utilizar cenários criados por outros usuários compatíveis com o sistema. O arquivo de debriefing deve de ser possível de ser visualizado; inserir comentários; impresso ou salvo para visualização futura em qualquer computador equipado com Windows VISTA, Windows XP, Win7; O Simulador deve reagir automaticamente ao cenário selecionado evoluindo o quadro clinico de acordo a programação e ações do aluno. O produto deve ser composto por: simulador de paciente de corpo inteiro, lubrificante de via aérea, pupilas cambiáveis, vestimentas, simulador de sangue, manguito de PA, unidade de controle remota do sistema (sem fio), bolsa para transporte e manual de usuário. O software de interface para criação de cenários deve ser em Português e Espanhol. 9 MANEQUIM Unidade 1 R$ ,0000 R$ ,0000 Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: Modelo: MegaCode KID + Simpad + Módulo Trauma / Simulador de paciente pediátrico para suporte avançado de vida que inclui perna para punção intraóssea, via aérea realista e avançada, terapia de IV (Intravenoso), desfibrilação cardíaca, auscultação e reconhecimento de sons cardíacos, pulmonares e intestinais. O sistema deve ser comandado remotamente por um tablet com tela colorida mínima de 5,7" (polegadas) e operação em tela touch screen. Os sistemas compostos por manequim e unidade de controle do instrutor tipo tablet devem se comunicar por meio de rede IP ou wi fi. O manequim e a unidade de controle do instrutor tipo tablet, devem ter autonomia para operarem com baterias de 3 a 4 horas, de forma a propiciar sua mobilidade durante o treinamento. A unidade de controle do instrutor tipo tablet, além de alterar manualmente as funções do simulador, deve possibilitar a criação de cenários ou rotinas automáticas, rodar cenários previamente programados, baixar de um computador ou da internet cenários pré programados (compatíveis com o sistema), criar check lists, editar textos durante a execução do https://www.comprasnet.gov.br/livre/pregao/fornecedorresultado.asp?prgcod=518468&strtipopregao=e 2/10

3 cenário, cadastrar dados do aluno e gerar log de eventos da simulação. Ainda permite simulações de ECG, SpO2, Temperatura, Respiração, Sons cardíacos, pulmonares, intestinal, vocal, pressão sanguínea e pulso. O sistema deve permitir ao usuário a criação de seu próprios casos clínicos e instalar no sistema de controle do simulador, bem como utilizar cenários criados por outros usuários compatíveis com o sistema. O arquivo de debriefing deve de ser possível de ser visualizado; inserir comentários; impresso ou salvo para visualização futura em qualquer computador equipado com Windows VISTA, Windows XP, Win7; O Simulador deve reagir automaticamente ao cenário selecionado evoluindo o quadro clínico de acordo a programação e ações do aluno. O simulador deverá apresentar as seguintes características: Habilidades de Vias Aéreas múltiplas: Inclinação da cabeça para trás ou gira 90, Ventilação com ressuscitador, máscaras e tubos, Inserção orofaríngea e nasofaríngea das vias aéreas, Intubação endotraqueal, Intubação Nasotraqueal, Técnicas de Sucção, Auscultação estomacal para verificar o próprio posicionamento de via aérea. Habilidades Circulatórias e Administração de Droga: Braço de IV (Intravenoso) articulado com pele e sistema de veia substituível, que permite infusão de terapias intravenosa periférica e cuidado do local, Perna direita apta para injeção intraóssea com tuberosidade tibial, Frequência variável sincronizada, anomalias. Pressão Sanguínea: Simulação de pressão sanguínea auscultada e apalpada, Sons de Korotkoff sincronizados com ECG programável, Controle do volume de sons de Korotkoff em 10 etapas, Pressões sistólica e diastólica podem ser ajustadas individualmente em passos de 2 mmhg, Pressão sistólica de 0 a 300 mmhg, diastólica de 0 a 300 mmhg, Intervalo de auscultação com função liga / desliga, Precisão da pressão ± 2 mmhg, Função de calibração para ajustar o sensor de pressão e indicador no manguito. Pulsos: Controla os pulsos carotídeo, braquial, radial e umbilical (pulsos disponíveis variam em função do manequim), Pulsos somente ativos quando apalpados, Pulsos sincronizados com ECG Intensidades do pulso ajustados de modo dependente ou independente, Pulso braquial desligado quando a pressão do manguito BP estiver acima de 20 mmhg, Pulso radial desligado quando a pressão do manguito BP estiver acima do nível sistólico BP. ECG: ECG de 3 a 4 derivações, Capacidades de marcapasso e desfibrilação real (monofásico e bifásico). Sons: Sons cardíacos sincronizados com ECG, Sons pulmonares auscultados sincronizados com respiração (0 a 60 rpm), Seleção individual de sons pulmonares, Sons intestinais normais e anormais, Sons de voz: gerados por computador, gravador de voz e entrada de voz em tempo real via fones de ouvido e microfone (Headphone), Sons de voz gerados pelo usuário. O produto deve ser composto por: simulador de paciente de corpo inteiro, 01 (um) módulo de trauma (com no mínimo 12 peças), lubrificante de via aérea, vestimentas, unidade de controle remota do sistema (sem fio) tipo tablet, bolsa para transporte e manual de uso. O software de interface para criação de cenários deve ser em Português e Espanhol. 26 SIMULADOR Unidade 1 R$ ,0000 R$ ,0000 Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: Modelo: Harvey + Harvey Audio. Simulador de paciente cardiopulmonar avançado para ausculta cardíaca e pulmonar. A interacção coração pulmão deve ser realística. Deve apresentar se em uma base rígida de madeira, cujo manequim encontra se na posição deitada (cabeça e tórax) a esta plataforma. Capaz de simular realísticamente todas as informações cardíacas ao tocar de um botão, variando de forma real e precisa a pressão sanguínea, pulsos, sons cardíacos e murmúrios. Características: Respiração espontânea; Presença de pulsos arteriais: carotídeo, braquial e femural; Presença de pulso venoso: jugular; Presença de 4 movimentos precordiais; Avaliação de Ictus Cordis ou Impulso Apical; Ausculta da pressão arterial de acordo com a patologia cardíaca seleccionada. O sistema deve permitir que o operador selecione um som a ser auscultado e ao posicionar o estetoscópio no tórax do simulador, na posição anatomicamente correta, o som correspondente gerado seja auscultado simultaneamente pelo instrutor e no mínimo 15 alunos, por intermédio de sistema sem conexões físicas entre o estetoscópio (receptor) dos alunos e o sistema emissor de som ou o tórax do simulador. O sitema deverá apresentar: 6 diferentes áreas de sons respiratórios, 9 diferentes áreas de sons cardíacos, 30 tipos de enfermidades cardíacas, 12 impulsos dirigidos digitalmente, amplitudes e intensidades modificáveis, alto falante ara receber o histórico. O equipamento deve conter os seguintes tipos de sons: Programa de introdução, Normal, Murmúrio inocente, Esclerose da válvula aórtica, Hipertensão, Angina pectoris, Infarto agudo do miocárdio inferior, Infarto agudo do miocárdio anterior, Aneurisma ventricular, Prolapso da válvula mitral (MVP), MVP Prolapso da válvula mitral (clique isolado e murmúrio), Regurgitação mitral e crônica, Regurgitação mitral e suave, Regurgitação mitral e aguda, Estenose mitral (MS) com regurgitação tricúspide (TR) severa, MS Estenose mitral com TR Regurgitação tricúspide suave, MS Estenose mitral e regurgitação, Regurgitação aórtica crônica, Regurgitação aórtica aguda, Cardiomiopatia obstrutiva hipertrópica, Cardiomiopatia, Pericardite aguda, Hipertensão pulmonar primária, Defeito septal atrial, Defeito septal ventricular, Arteriose do duto patente, Estenose pulmonar, Coarctação da aorta, Tetralogia de Fallot. O sistema deve ser fornecido completo, com todos os equipamentos e acessórios necessários para o plena operação das funções citadas, deve ser fornecido no mínimo 15 estetoscópios sem fio possibilitando que todos possam ter acesso ao som selecionado simultaneamente e recebidos sem fio nos estetoscópios (receptores). Deve acompanhar o produto: Simulador de paciente cardiopulmonar, 15 estetoscópios sem fio e estação de transmissão de sons sem fios. inclui instalação e treinamento de usuário a ser ministrado no cliente em data previamente agendada e a definir. Assistência técnica baseada em São Paulo e estrutura física e de suporte da empresa fabricante do simulador localizada no Brasil. 1 ano de garantia. 27 SISTEMA DE CONTROLE Unidade 4 R$ ,0000 R$ ,0000 Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: Modelo: SimView Completo. Sistema de captura, gravação e reprodução de áudio e vídeo dedicado a simulação clínica e realística. Deverá ser compatível e possuir sistema operacional WINDOWS permitindo que os eventos na simulação sejam gravados, estudados, reproduzidos e registrados. O sistema deve permitir que as imagens e áudio gravados sejam sincronizados com o log de eventos do simulador. O sistema deverá funcionar com os seguintes modelos câmeras IP: Câmera HDTV com pan/tilt/zoom e zoom de 18x para ambientes internos ; Domes fixos discretos, HDTV, vários streams em H. 264, stream em Motion JPEG em máxima taxa de quadros ou individualmente optimizadas de acordo com a necessidade; Vídeo digitais (IP), para gravar no mínimo 4 canais de vídeos simultâneos, um canal de áudio e registrar os dados do monitor simulado de paciente sincronizado às imagens. Deve permitir diferentes configurações à nível usuário, editar textos durante a gravação, controlar o movimento das câmeras diretamente do console do sistema e disponibilizar transmissão ao vivo da gravação. Ao término da gravação, o sistema deverá gerar um arquivo para re vizualização em computadores em sistema operacional WINDOWS que possuam software compatível. Este software de re visualização deverá ser fornecido pelo fabricante sem custos aos usuários e sem limites de licença. 27. Nome comercial: Sistema de captura de imagens e debriefing 4 unidades. Deve acompanhar o produto: Servidor com o software instalado e monitor compatível ao sistema; 01 Microfone; 01 Câmera HDTV com pan/tilt/zoom; 03 Câmeras com domes fixos. Inclui instalação e treinamento de usuário a ser ministrado no cliente em data previamente agendada e a definir. Assistência técnica baseada em São Paulo e estrutura física e de suporte da empresa fabricante do simulador localizada no Brasil. 1 ano de garantia. 28 SIMULADOR Unidade 1 R$ ,0000 R$ ,0000 https://www.comprasnet.gov.br/livre/pregao/fornecedorresultado.asp?prgcod=518468&strtipopregao=e 3/10

4 Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: Modelo: SimMan 3G Completo Simulador Interativo de Paciente Real tamanho Adulto de Alta Fidelidade com Respiração Espontânea e sistema de Reconhecimento Automático de Drogas por CHIP. Simulador de paciente adulto com distribuição natural de peso e articulações, totalmente sem fios e com componentes eletrônicos e pneumáticos internos. O peso de manequim, pronto para uso, não pode exceder 125 quilos (Kg), permitindo fácil manuseio para socorristas e aprendizes. Dependendo do ambiente virtual, também poderá ser utilizado com cabeamento fixo de rede permitindo o máximo desempenho de conexão entre os dispositivos Laptop, simulador e monitor simulado de paciente. O sistema de resposta fisiológica deverá automaticamente evoluir o quadro do paciente de acordo a droga ministrada, com respostas fisiológicas e farmacológicas previamente definidas pelo software e/ou programadas pelo usuário. O sistema deve ainda permitir ao instrutor facilmente aumentar ou diminuir gravidade, acelerar ou retardar (dependendo do nível dos alunos ou usuário) a progressão do quadro clínico com respostas fisiológicas e farmacológicas automáticas. O sistema deve apresentar os seguintes recursos clínicos: Habilidades de vias aéreas múltiplas: Controle de vias aéreas aberta/fechada automaticamente ou manualmente, Ventilação com Resuscitador, máscaras e tubos, Inserção orofaríngea e nasofaríngea das vias aéreas, Aplicação de combitube, Aplicação de LMA, Entubação endotraquel, retrógrada, por fibra óptica, por cabo luminoso, Ventilação transtraqueal, Cricotireoidectomia com agulha e/ou cirúrgica, Broncoscopia por fibra óptica 3ª geração, Pode ser conectado a um simulador respiratório externo para simulações mais avançadas, Complacência pulmonar variável 4 passos Independentes, Resistência de via aérea variável 4 passos Independentes. Complicações de Vias Aéreas: Trismos, edema de língua que deve ser possível em 2 níveis, obstrução de faringe e laringoespasmo, Distenção estomacal, Diminuição do espaço cervical para entubação díficil. Características da Respiração: Expansão torácica bilateral e unilateral, Exala Fluxo de CO2, Respiração Espontânea e taxa respiratória variável, Sons de respiração normais e anormais, 5 locais de auscultação anteriores, 6 locais de auscultação posteriores, 9 canais de sons respiratórios. controláveis independentemente, Saturação de oxigênio e Pletismografia devem ser exibidas em um monitor de paciente; Um ícone de tela do computador deve exibir a quantidade de ar que está sendo fornecida durante as ventilações com Resuscitador, máscaras e tubos. Complicações Respiratórias: Toracocentese de agulha bilateral, Movimento de tórax Unilateral e Bilateral, Descompressão torácica (Pneumotórax), Sons respiratórios unilateral e lobar, Inserção de tubo de tórax bilateral, Redução do volume pulmonar. Características Cardíacas: ECG com mais de variantes de ritmo cardíacos e com taxa de 0 220, Sons cardíacos devem ocorrer em quatro locais anteriores para auscultação dos sons da aorta, pulmonar, mitrais e tricúspide, Compatível com monitores de ECG / desfibriladores com 3, 4 e 12 derivações, Desfibrilação por Desfibriladores Externo Automático (AED) ou desfibriladores manuais reais monofásico ou bifásico, Marca passos com opções para respostas ou captura de falhas. Características Circulatórias: Pulsos carotídeo, femorais, braquiais, radiais, poplíteos e pediosos, Braço com pressão sanguínea com sons de Korotkoff sincronizado com pulso para auscultação e palpação, Sincronização de pulso com ECG ou compressões torácicas, Pressão do pulso depende da seleção da pressão sanguínea e da posição anatômica. Acesso Vascular: Braço de IV (intravenoso), Local para injeções subcutânea e intramuscular, Punção intra ósseo no esterno e tíbia e que possa aspirar o sangue IO e infundir medicamentos, Reconhecimento automático das drogas por CHIP. Características na técnica de RCP (Resuscitação Cárdio Pulmonar): Complacente com as Diretrizes 2010, Compressões de RCP geram pulsos palpáveis, forma de onda de pressão sanguínea, e artefatos em ECG, Profundidade realística de compressões, Detecta profundidade, taxa e tempo sem compressões, Um ícone de tela do computador deve exibir a avaliação em tempo real da qualidade de RCP com as seguintes informações: Ventilação: Frequência da Ventilação por minuto, Volume ventilado em mililitros, Tempo médio de insuflação em segundos. A animação das ventilações mudará de cor de acordo com a eficácia da ventilação, sendo executada como: Branco ventilação normal, Azul ventilação insuficiente, Vermelho hiper ventilação. A animação também mostra se o ar está entrando no estômago. Compressão: Média do tempo Sem Compressão, Frequência da compressão por minuto, Profundidade da compressão em milimetros, Porcentagem de compressões com bom retorno do tórax entre as compressões. Olhos: Pisca lento, normal, rápido e piscadelas, Aberto, fechado e parcialmente aberto SIMULADOR Unidade 1 R$ ,0000 R$ ,0000 Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: Modelo: SimMom + ADM. Marca: Laerda Medical Simulador de Parto Avançado, Corpo Inteiro de Alta Fidelidade com Respiração Espontânea e que acompanha manequim Bebê. Simulador articulável para treinamento de parto e RCP. Representação de uma mulher adulta em tamanho natural para possibilitar a prática das medidas: pré natal, intraparto e pós parto. Deverá apresentar as seguintes características: Articulaçoes móveis; via aérea intubável com expansão do tórax; Respiração espontânea; Via aérea obstruída; Edema de língua; Obstrução pulmonar direito, esquerdo e ambos; crise convulsiva; braço para injeção venosa (fluídos/medicamentos); locais de injeção subcutânea e intramuscular (coxa); permita a prática de parto normal e cesariana; sons abdominais e monitoração da frequência cardíaca fetal e da mãe; voz do paciente: pré programados ou customizados pelo próprio instrutor; cérvices com dilatação que varia de 4 a 8 cm; bebê recém nascido com corpo articulável; modelo de cabeça realística com fontanela; linha de sutura; formato da cabeça e da testa desenhado para usar fórceps (rotatório e normal ) e sucção (Kiwi e Ventouse); boca para sucção e manobra de Smellie Veit (se necessário) que apresenta proeminências ósseas dos quadris para suportar as manobras Lovset s e posicionamento realístico da omoplata e clavícula. O equipamento deve permitir ao usuário a opção por parto manual (o instrutor faz a força de expulsão do bebê, ou parto automático (um sistema mecânico ou pneumático faz a força de expulsão do bebê). O sistema tem que ser constituído por uma manequim grávida adulta, quatro módulos de útero, unidade de controle, software operacional, compressor, computador portátil (Laptop com sistema operacional WINDOWS), câmera web, e monitor simulado de paciente multi paramétrico com tela touchscreen. O sistema tem que incluir um editor de perfis para permitir o instrutor configurar o simulador e a interface de acordo com as necessidades. O sistema de debriefing deve incluir e integrar web camera, programa (software) e simulador que combinem e sincronizem o log do aluno, display do monitor do paciente, áudio e vídeo em um arquivo de debriefing. O sistema de debriefing não deve requerer equipamento adicional.o arquivo de debriefing deve de ser possível de ser visualizado em qualquer computador equipado com Windows VISTA, Windows XP, Win7 e o programa Debriefing Viewer Os sons operacionais do compressor não devem interferir com a ausculta dos sons do manequim O sistema permite exibição de imagens multimídia, valores de laboratório e raios x para serem inseridos em simulações. Acompanha monitor simulado de paciente com sinais Vitais da Mãe e do Feto. Que possa monitorizar os seguintes parâmetros: ECG, SpO2, CO2, ABP, CVP, PAP, PCWP, NIBP, TOF, sinais cardíacos. Que inclua acessórios, serviços técnicos, serviços educacionais e material didático informatizado. Que os cenários pré programados forneçam um treinamento padronizado junto com cenários customizados e o controle do instrutor em tempo real permita a adaptação do cenário de acordo com as necessidades individuais do aluno ou da equipe. O equipamento deve ser fornecido com todas as unidades necessárias para o seu uso, tais como: Manequim de corpo inteiro, 1 Recém nascido, 4 Modelos de Úteros, Unidade de controle, Laptop com sistema operacional WINDOWS, Monitor simulado multi paramétrico, Web camera de vídeo, Periféricos e outros que venham a ser imprescindíveis para o funcionamento do equipamento em sua plenitude. Inclui instalação e treinamento de usuário a ser ministrado no cliente em data previamente agendada e a definir. Assistência técnica baseada em São Paulo e estrutura física e de suporte da empresa fabricante do simulador localizada no Brasil. 1 ano de garantia. Sistema de captura, gravação e reprodução de áudio e vídeo dedicado a simulação clínica e realística. Deverá ser compatível e possuir sistema operacional WINDOWS permitindo que os eventos na simulação sejam gravados, estudados, reproduzidos e registrados. O sistema deve permitir https://www.comprasnet.gov.br/livre/pregao/fornecedorresultado.asp?prgcod=518468&strtipopregao=e 4/10

5 que as imagens e áudio gravados sejam sincronizados com o log de eventos do simulador (quando disponível). O sistema deverá funcionar com vários modelos distintos de câmeras de vídeo digitais (IP), gravar no mínimo 4 canais de vídeos simultâneos, um canal de áudio e registrar os dados do monitor simulado de paciente (quando disponível) sincronizado às imagens. Deve permitir diferentes configurações à nível usuário, editar textos durante a gravação, controlar o movimento das câmeras diretamente do console do sistema e disponibilizar transmissão ao vivo da gravação. Ao término da gravação, o sistema deverá gerar um arquivo para re vizualização em computadores em sistema operacional WINDOWS que possuam software compatível. Este software de re visualização deverá ser fornecido pelo fabricante sem custos aos usuários e sem limites de licença. Deve acompanhar o produto: Servidor com o software instalado e monitor SIMULADOR Unidade 1 R$ ,0000 R$ ,0000 Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: Simulador Interativo de Paciente Real tamanho Bebê de Alta Fidelidade com Respiração Espontânea. O simulador deve ser controlado por um software, e ter os seus parâmetros fisiológicos monitorados em tempo real. RECURSOS CLÍNICOS: Mandíbula articulada; cianose labial; Ventilação BVM. Possibilidade de exalar CO2; Fontanela anterior palpável; Compressão intra cranial normal ou elevada; Expansão torácica, Movimento torácico, Convulsão, Oclusão brônquica; Acesso intra venoso para administração de medicamentos; Respiração espontânea e taxa respiratória variável; Sinais vitais respondem automaticamente a tratamentos clínicos; Curvas de saturação e sinais vitais; Via Aérea; Manuseio da cabeça e mandíbula; Permite intubação: Endotraqueal; Orotraqueal; Nasotraqueal; Fibroscópica; Ventilação por LMA e outros dispositivos. Distenção estomacal; Via aérea difícil; Edema de língua, obstrução faríngea e laringoespasmo; Pulsos braquial; radial e femoral; Braço de punção intra venosa: Braço de aferição de Prerssão Arterial; Perna de IV (Intravenosa)/IO (Intra ósseo) direita e esquerda; Desfibrilação e ardioversão (Monofásico e bifásico) de acordo com os Guidelines 2010; Marcapasso; 3 ou 4 conectores de ECG; Compressões torácicas; Reconhecimento de RCP com geração de pulso e alteração dos parâmetros do monitor (ECG e BP) permitindo a palpação; Descompressão torácica (Pneumotórax); Drenagem torácica; Detecção de CO2; Sons Intestinais; Sons Cardíacos sincronizados com as curvas; Sons pulmonares sincronizados com a respiração e ventilação; Possibilidade de diversificar os sons; Sons vocais gerados por computador, gravador de voz e entrada de voz em tempo real via fones de ouvido e microfone; Ausculta dos sons de Korotkoff. Todos os parâmetros devem ser alterados instantaneamente, mesmo durante o procedimento, de forma manual via teclado do computador, pode operar com cenários pré progarmados pelo usuário ou cenários desenvolvido por terceiros (da mesma plataforma), o Software deve ser de fácil operação, baseado em conceitos e comandos intuitivos, as simulações possam ser efetuadas no modo manual, semi automático, ou automaticamente. As imagens dever ser gravadas em webcam ou outro sistema compatível com o sistema operacional WINDOWS, desde que sejam vinculadas ao histórico de eventos da simulação ( log de eventos do simulador) e o instrutor possa revê las através da seleção do evento e não obrigatoriamente pela imagem. O sistema de debriefing não deve requerer equipamento adicional; O arquivo de debriefing deve de ser possível de ser visualizado em qualquer computador equipado com Windows VISTA, Windows XP, Win7. Monitor Multi paramétrico configurável, com tela sensível ao toque, deve exibir no mínimo os parâmetros de ECG, SpO2, CO2, ABP, CVP, PAP, PCWP, NIBP, TOF, sinais cardíacos e outros, visualizar radiografias, Exames laboratoriais, Mídias, ECG de 12 derivações e alarme de multi níveis. O sistema de debriefing deve incluir e integrar webcam, programa (software) e simulador que combinem e sincronizem o log do aluno, display do monitor do paciente, áudio e vídeo em um arquivo de debriefing; O sistema de debriefing não deve requerer equipamento adicional; O arquivo de debriefing deve de ser possível de ser visualizado em qualquer computador equipado com Windows VISTA, Windows XP, Win7. O equipamento deve ser fornecido com todas as unidades necessárias para o seu uso, tais como: manequim, Laptop com sistema operacional WINDOWS, monitor simulado multi paramétrico, periféricos, web camera de vídeo, compressor e outros que venham a ser imprescindíveis para o funcionamento do equipamento em sua plenitude. Inclu1 instalação e treinamento de usuário a ser ministrado no cliente em data previamente agendada e a definir. Assistência técnica baseada em São Paulo e estrutura física e de suporte da empresa fabricante do simulador localizada no Brasil. 1 ano de garantia. O software de interface para criação de cenários deve ser em Português e Espanhol. 31 SIMULADOR Unidade 1 R$ ,0000 R$ ,0000 Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: MOdelo: SimNewB com Simpad. Simulador Interativo de Paciente Real tamanho Neonatal de Alta Fidelidade com Respiração Espontânea. O simulador deve ser controlado por um software, acionado via Laptop e ter os seus parâmetros fisiológicos monitorados em tempo real. RECURSOS CLÍNICOS: Permite a flexão da cabeça e extensão da mandíbula para melhor ventilação, Pupilas intercambiáveis, cianose labial, via aérea anatomicamente precisa e realística, Obstrução de vias aéreas aberta / parcial / fechada, Ventilação com Resuscitador, máscaras e tubo ET, Aplicação de LMA, Manobra de Sellick, Ventilação por pressão positiva, Vias aéreas orofaríngea e nasofaríngea, Entubação orofaringe e nasofaringe, Aplicação de sonda gástrica, Manobras de Sucção, Resistência pulmonar variável, módulo de mecónio. Respiração espontânea e taxa respiratória variável, Exalação de CO2, Distensão e contração torácica bilateral e unilateral, Sons respiratórios bilaterais e unilaterais, normal e anormal, Saturação de oxigênio, Movimentos de membros superiores e inferiores, Pneumotórax, Movimento torácico unilateral, Toracocentese em meio clavicular com agulha unilateral. Funções cardíacas e circulatórias: ECG com mais de 1000 combinações de ritmos cardíacos e com taxa de bpm, Compressão durante RCP deve gerar pulsos palpáveis, formas de ondas de pressão sanguíneas e artefatos em ECG, Pressão sanguínea pode ser obtida automaticamente, auscultado ou apalpado, braço com pressão sanguínea com sons de Korotkoff sincronizado com pulso para auscultação e palpação, pulsos umbilical e braquial, pressão do pulso depende da seleção da pressão sanguínea e da posição anatômica, compatível com monitores de ECG com 3 derivações. Umbigo com pulso e com acesso venoso e arterial para bolus ou infusão, simulação de sangue nos acessos e acesso Intravenoso. Sons Vocais: choro, soluço e outros, pré programados ou gravados pelo usuário, sons pulmonares: normal, ofegante, crepitações e outros e sons cardíacos: normal, murmúrio diastólico, murmúrio sistólico e outros. Todos os parâmetros devem ser alterados instantaneamente, mesmo durante o procedimento, de forma manual via teclado do computador, pode operar com cenários pré progarmados pelo usuário ou cenários desenvolvido por terceiros (da mesma plataforma), o Software deve ser de fácil operação, baseado em conceitos e comandos intuitivos, as simulações possam ser efetuadas no modo manual, semi automático, ou automaticamente As imagens dever ser gravadas em web cam ou outro sistema compatível com o sistema operacional WINDOWS, desde que sejam vinculadas ao histórico de eventos da simulação ( log de eventos do simulador) e o instrutor possa revê las através da seleção do evento e não obrigatoriamente pela imagem. O sistema de debriefing não deve requerer equipamento adicional; O arquivo de debriefing deve de ser possível de ser visualizado em qualquer computador equipado com Windows VISTA, Windows XP, Win7. Monitor Multiparamétrico configurável, com tela sensível ao toque, deve exibir no mínimo os parâmetros de ECG, SpO2, CO2, ABP, CVP, PAP, PCWP, NIBP, TOF, sinais cardíacos e outros, visualizar radiografias, ECG de 12 derivações e alarme de multi níveis O equipamento deve ser fornecido com todas as unidades necessárias para o seu uso, tais como: manequim, Laptop com sistema operacional WINDOWS, monitor simulado multi paramétrico, periféricos, web camera de vídeo e outros que venham a ser imprescindíveis para o funcionamento do equipamento em sua plenitude. Inclui instalação e treinamento de usuário a ser ministrado no cliente em data previamente agendada e a definir. Assistência técnica baseada em São Paulo e https://www.comprasnet.gov.br/livre/pregao/fornecedorresultado.asp?prgcod=518468&strtipopregao=e 5/10

6 estrutura física e de suporte da empresa fabricante do simulador localizada no Brasil. 1 ano de garantia.o software de interface para criação de cenários deve ser em Português e Espanhol. 32 SIMULADOR Unidade 1 R$ ,0000 R$ ,0000 Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: Modelo: Virtual IV Adulto. Simulador de realidade virtual adulto com diversas situações e casos para a prática psicomotora de cateterização intravenosa em vários cenários, permitindo aos estudantes aprender e praticar as habilidades. Oferece uma introdução a inserção da técnica de IV (Intravenoso) e facilita o treinamento progressivo para construir a habilidade requerida para a prática avançada. Deve possuir efeitos visuais realísticos em 3D que permitam aos estudantes ver e sentir o paciente. Características Gerais: Os pacientes virtuais devem responder com sangramento, edema, como também outras reações fisiopatológicas; possuir mais de quarenta modelos de pacientes com anatomia humana e fisiologias diferentes; dispor no mínimo de 150 cenários distintos (cada cenário direcionado com o grau de dificuldade e aplicação ao público alvo: Enfermeiras, Médicos ou Cuidados Militares); o sistema deve registrar e avaliar o desempenho dos estudantes emitindo um relatório completo (com uma nota atribuída ao aluno), podendo ser avaliado pelo instrutor; deverá possuir a tecnologia haptica, que permite a sensação de tato, textura e resistência. O produto deve ser composto por: Dispositivo c/agulha, Laptop com Sistema Operacional WINDOWS e Módulos de Software Educacional. Inclui instalação e treinamento de usuário a ser ministrado no cliente em data previamente agendada e a definir. Assistência técnica baseada em São Paulo e estrutura física e de suporte da empresa fabricante do simulador localizada no Brasil. 1 ano de garantia. 33 SIMULADOR Unidade 1 R$ ,0000 R$ ,0000 Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: Modelo: Virtual IV Pediatrico. Simulador de realidade virtual infantil com diversas situações e casos para a prática psicomotora de cateterização intravenosa em vários cenários, permitindo aos estudantes aprender e praticar as habilidades. Oferece uma introdução a inserção da técnica de IV (Intravenoso) e facilita o treinamento progressivo para construir a habilidade requerida para a prática avançada. Deve possuir efeitos visuais realísticos em 3D que permitam aos estudantes ver e sentir o paciente. Características Gerais: Os pacientes virtuais devem responder com sangramento, edema, como também outras reações fisiopatológicas; possuir mais de quarenta modelos de pacientes com anatomia humana e fisiologias diferentes; dispor no mínimo de 150 cenários distintos (cada cenário direcionado com o grau de dificuldade e aplicação ao público alvo: Enfermeiras, Médicos ou Cuidados Militares); o sistema deve registrar e avaliar o desempenho dos estudantes emitindo um relatório completo (com uma nota atribuída ao aluno), podendo ser avaliado pelo instrutor; deverá possuir a tecnologia haptica, que permite a sensação de tato, textura e resistência. O produto deve ser composto por: Dispositivo c/agulha, Laptop com Sistema Operacional WINDOWS e Módulos de Software Educacional. Inclui instalação e treinamento de usuário a ser ministrado no cliente em data previamente agendada e a definir. Assistência técnica baseada em São Paulo e estrutura física e de suporte da empresa fabricante do simulador localizada no Brasil. 1 ano de garantia. 34 SIMULADOR Unidade 1 R$ ,0000 R$ ,0000 Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: Modelo: Lapsim Completo. Marca: Laerdal Medcial Sistema de Simulação Laparoscópica de Realidade Virtual deve conter o seguinte conteúdo: Módulo de Habilidades Básicas, com 13 tarefas. Módulo de Treinamento com 4 tarefas Módulo de câmara anatômica com 3 tarefas Módulo de colecistectomia com software ognitivo Interativo, incluindo treinamento passo a passo. Módulo de Ginecologia, incluindo oclusão tubária, laqueadura, salpingostomia e retirada de mioma. Módulo de Sutura Básica e Avançada e anastomose, incluindo passo a passo o exercício de sutura de anastomose. Módulo de Histerectomia com software cognitivo Interativo, incluindo treinamento passo a passo. Módulo de Apendicectomia Módulo Bariátrico, incluindo módulo de sutura. Módulo de Nefrectomia Módulo de treinamento de Fundoplicatura de Nissen Laparoscopica Software de Treinamento de Simulação de procedimentos cirúrgico cognitivo interativo que pode ser utilizado para avaliar objetivamente a compreensão cognitiva do usuário de vários procedimentos do início ao fim O software do Sistema de Simulação Laparoscópica de Realidade Virtual deve incluir as seguintes características: Operar em diferentes idiomas (Espanhol, Portugues etc) Ser capaz de criar cenários individuais ou em grupo, complicações, desafios e diferentes níveis de dificuldade definida pelo educador. Isto deve incluir a possibilidade de personalizar a dimensão dos objetos de prática, a quantidade de sangramento, limitações de tempo, características do tecido, a probabilidade de sangramento espontâneo, localmente pelo usuário final. Oferecer em tempo real e remoto o controle tanto do treinamento de abilidades da equipe cirúrgica como dos exercícios de treinamento e cenários. Oferecer métricas de benchmarking inteiramente customizável para os usuários. Os administradores devem ser capazes de personalizar as métricas para avaliar, alterar parâmetros, definir pontos de referência e ponderações, para avaliar melhor a eficácia da formação e do progresso pelo usuário final. O Software deve se adaptar para ambos os monitores 2D e 3D Oferecer Certificação diretamente do sistema, com base em normas determinadas pelo instrutor ou pelas regras da Instituição. Desenvolver habilidades de maneira realística O hardware do Sistema de Simulação Laparoscópica de Realidade Virtual deve incluir as seguintes características: Todas as portas e instrumentos (incluindo câmera) devem ser capazes de serem movidos fisicamente em vários locais físicos para formar procedimento adequado para diversas especialidades. Instrumentos e câmera que possam ser fisicamente separados e mudados para atender às necessidades do treinamento de ergonomia e avançados (por exemplo, os diferentes locais da porta, ângulo de alcance). A cabeça de câmara com funcionalidade total: zoom, foco e intensidade da luz, o ângulo muda de alvo. Não requer calibração (nem o háptico nem o hardware não háptico) Oferecer como opcional um monitor habilitado para 3D com óculos. Somente para a unidade hepatica: Unidade de hardware com ajuste de altura motorizado para os instrumentos de mão, bem como um touch pad para a interação intuitiva com o software, para facilidade de uso e mínima fadiga corporal. Somente para a unidade não hepatica: Unidade de ardware totalmente portátil que se encaixa em um compartimento de bagagem do avião e que facilmente pode ser colocados em diferentes locais. 35 SISTEMA DE CONTROLE Unidade 1 R$ ,0000 R$ ,0000 Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: Modelo: SimManager / Sistema para Gerenciamento de Centros Simulação Médica Aquisição de software para gerenciamento de informações utilizado em centros de simulação médica, onde o fornecimento e armazenamento das informações deve ser feito através da internet Deve possuir sistema de gerenciamento das operações executadas dentro do centro de simulação, com a possibilidade de criação de turmas, classes, designação de alunos e instrutores para cada classe e sistema de envio automático de lembretes através do e mail. Deve permitir o agendamento das turmas e classes. Armazenar solicitações de novas aulas, bem como possuir sistema de aprovação pelo responsável do centro de simulação. Ferramentas para gerenciamento dos alunos, como criação de alunos, https://www.comprasnet.gov.br/livre/pregao/fornecedorresultado.asp?prgcod=518468&strtipopregao=e 6/10

7 vinculação do aluno para cada aula, análise de performance do estudante, disponibilização de material utilizado nas aulas. Lembrete automático das aulas através do e mail para cada aluno e instrutor. Deve possuir um sistema de gerenciamento do aprendizado, com a finalidade de fornecer ferramentas tanto para os alunos quanto para os instrutores, permitindo a eles acesso total ao material didático, agendas de aulas e relatórios de performance individuais. Permitir aos responsáveis pelas aulas a criar testes on line, formulários de pesquisas, tipos de avaliações. Possuir um sistema de gerenciamento de dados e pesquisa, onde seja possível a coleta de diversas informações armazenadas, como performances individuais, resultado das aulas e do curso, resultados dos formulários de pesquisas individuais preenchidos e testes. Deve permitir o fornecimento do curriculo das aulas, tanto aos estudantes quanto aos intrutores, o gerenciamento dos cenários de simulação, relatório com a performance de cada aluno mensurada, gerenciamento de todas as atividades a serem agendadas dentro do centro de simulação e a captura de avaliações. A empresa deverá fornecer o domínio para armazenamento do software na internet, instalação, licença com duração de 5 anos e para criação de 751 à 1000 alunos, treinamento de utilização do produto e suporte técnico. Total do Fornecedor: R$ , / COLUMBIA COMERCIAL DE EQUIPAMENTOS LTDA ME Item Descrição Unidade de Fornecimento Quantidade Valor Unitário Valor Global 10 MANEQUIM Unidade 2 R$ ,3300 R$ ,6600 Marca: 3B Scientific Fabricante: Brasil 3B Scientific Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: Manequim Bebê Marca: 3B Scientific Modelo: W44608 Através deste modelo podem ser praticadas várias medidas de reanimação avançadas (ALS, Advanced Life Support) em crianças. Entre as suas características destacam se as seguintes: ventilação artificial através de bolsa de respiração ou máscara; intubação oral ou nasal, inclusive manobra de Sellick; iintrodução de um tubo naso gástrico; monitorização através de ECG com 3 derivações (16 arritmias diferentes com frequência cardíaca regulável); pulso da artéria braquial; massagem cardíaca externa; mandíbula móvel; acessos intravenosos na mão e no braço para colher sangue ou injetar líquidos; introdução intraóssea de agulhas e punção de medula óssea em ambas as pernas; palpação das veias da cabeça, suturas cranianas e fontanelas. Fornecida com bolsa de transporte. Procedência: Importado Garantia: 3 meses 11 MANEQUIM Unidade 2 R$ 2.047,9250 R$ 4.095,8500 Marca: 3B Scientific Fabricante: Brasil 3B Scientific Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: Manequim Adulto Dual Sexo Marca: 3B Scientific Modelo: W44536 Este tronco de tamanho natural pode ser utilizado para praticar a pressão exercida sobre o abdômen/tórax durante a manobra de Heimlich e para aprender como limpar a boca do paciente para a desobstrução das vias respiratórias bloqueadas. Quando exercidas de forma correta, as medidas fazem com que a boneca expila o corpo estranho engolido. O modelo é feito de um plástico de vinil resistente e apresenta uma textura muito realista. Entre as suas características destacam se: pontos de orientação anatômicos, por exemplo esterno, processo xifoide, garganta. Fornecido com objetos que podem ser engolidos, camiseta e bolsa de transporte. Procedência: Importado Garantia: 3 meses 20 MANEQUIM Unidade 2 R$ 4.922,4900 R$ 9.844,9800 Marca: 3B Scientific Fabricante: Brasil 3B Scientific Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: Modelo Anatômico Torso Unissex Marca: 3B Scientific Modelo: W99834 O Modelo de Treinamento para Cuidados com Traqueostomia e Colocação de Sonda Nasogástrica (NG) foi desenvolvido para auxiliar na orientação, treinamento e prática de habilidades e cuidados essenciais em traqueostomia em pacientes com problemas respiratórios. O modelo de treinamento também foi projetado para a instrução de procedimentos de cuidado gastrintestinal via nasal ou oral. O modelo foi redesenhado e o novo desenho de cabeça e torso inclui pontos de referência realistas, como por exemplo, traqueia, esôfago, pulmões e estômago. Para um maior realismo, pode se misturar metilcelulose com água para simular fluídos como muco de pacientes reais. Esse fluído pode ser acrescentado aos pulmões e ao estômago para a simulação realista de cuidados e sucção em traqueostomia. O modelo de treinamento também possibilita praticar a substituição de curativos e a medição de pressão. Outros procedimentos realistas possíveis: Cuidados com a sonda nasogástrica (NG), como por exemplo, inserção, irrigação e remoção; lavagem estomacal e alimentação por sonda; inserção e retirada de sonda de alimentação, com possibilidade de praticar a alimentação forçada; cuidados com as sondas esofágica e nasoenteral; cuidado orofaríngeo e nasofaríngeo; e cuidado com tubo endotraqueal. O modelo de treinamento foi projetado para utilizar sonda endotraqueal (ET) e sonda nasogástrica (NG) francesa (Charrière) tamanho 6. Acompanham o produto lubrificante em spray e pacote de metilcelulose. O simulador não inclui os tubos endotraqueais (ET), nasogástrico (NG) ou de traqueostomia. Procedência: Importado Garantia: 3 meses Total do Fornecedor: R$ , / MARIA FERNANDA DA CRUZ ME Item Descrição Unidade de Fornecimento Quantidade Valor Unitário Valor Global 24 SIMULADOR Unidade 2 R$ 3.000,0000 R$ 6.000,0000 Marca: SDORF SCIENTIFIC Fabricante: SDORF SCIENTIFIC Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: Este simulador representa a parte inferior do corpo feminino de uma mulher adulta; Confeccionado em polímero macio o que lhe confere alta realidade anatômica; O modelo SD 4012 possui ovários de forma anatomicamente realística, Este simulador é ideal praticar diversos exames pélvicos como: * Inspeção da vagina com o especulo e exame pélvico; * Sondagem do útero, O simulador é fornecido com cérvices e úteros artificiais normais e com anomalias que podem ser facilmente substituídas. Acompanha o simulador: 01 Maleta em Aluminio, 09 Cérvix, 08 Úteros Patológicos, 01 Útero para Introdução de D.I.U, 01 Útero Saudável, 01 Útero c/ Gestação (sem feto), 03 Frascos de Talco. Total do Fornecedor: R$ 6.000, / STTYLUS EQUIPAMENTOS EDUCACIONAIS LTDA ME Item Descrição Unidade de Fornecimento Quantidade Valor Unitário Valor Global 23 SIMULADOR Unidade 4 R$ 1.485,0000 R$ 5.940,0000 Marca: BIOANATOME Fabricante: BIOANATOME Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: BIO ENF 008 BRAÇO PARA INJEÇÕES E PUNÇÃO ARTERIAL Este braço realista e prático oferece o melhor custo benefício existente, permite praticar a punção arterial, a aplicação de injeção intravenosa na rede venosa do braço e da mão, veias cefálicas, basílica, antecubitais, radiais e lunares, injeção intramuscular e subcutânea, a administração de infusões e a colheita de sangue. Acesso as seguintes veias: basílica, cefálica, intermédia do cotovelo e veias periféricas, além de um sistema para geração de pulso. Os seguintes procedimentos https://www.comprasnet.gov.br/livre/pregao/fornecedorresultado.asp?prgcod=518468&strtipopregao=e 7/10

8 poderão ser realizados para treinamento realista: Injeções intravenosas com líquidos; Injeções intramusculares na área do músculo deltoide; Injeções Aplicação de injeções subcutâneas na parte volar do antebraço e na parte lateral do braço; Acompanha suporte. Total do Fornecedor: R$ 5.940, / LABORDIDATICA MEDICAL EIRELI EPP Item Descrição Unidade de Fornecimento Quantidade Valor Unitário Valor Global 1 MANEQUIM Unidade 4 R$ 3.355,0000 R$ ,0000 Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: O manequim Little Anne foi desenvolvido para fornecer treinamento eficaz em RCP em adultos sem comprometer o realismo ou a qualidade. Seu perfil durável e conveniente torna a prática interativa acessível a cada estudante. Benefícios do Produto Educacionalmente eficaz ao oferecer todas as características essenciais necessárias para a aprendizagem de RCP com qualidade em adultos. Acessibilidade através do aumento práticas interativas. Anatomias reais de pontos de referência fornecem as características essenciais necessárias para aprender as técnicas de RCP em adultos. Perfil leve logístico conveniente torna o Little Anne fácil de transportar. Construção durável permite o uso inigualável a longo prazo. * O teste de compressão interna mostrou nenhuma degradação do produto após mais de 1 milhão de compressões a uma profundidade de 5 cm. Características do Produto Passagens oral e nasal permitem o aperto real do nariz para ventilação da boca ao nariz. Obstrução natural das vias aéreas permite os estudantes aprenderem técnicas importantes de abertura das vias aéreas. Inclinação da cabeça / elevação do queixo e posicionamento da mandíbula permite os estudantes praticarem corretamente manipulações das vias aéreas necessárias ao ressuscitar uma vítima real. Função real das vias respiratórias significa que as mesmas permanecem obstruídas sem a inclinação da cabeça / elevação do queixo e posicionamento da mandíbula. Aumento real do tórax é visto com ventilações corretas. Resistência realista para compressão do tórax permite os estudantes experimentarem a intensidade de pressão necessária para realizar compressões adequadas no tórax em uma situação da vida real. Pontos de referência anatomicamente corretos e corte em V do esterno permite o estudante praticar a identificação de todos os pontos de referência anatômicos relevantes à RCP em adultos. O retorno audível reforça a profundidade correta de compressão. Uma função opcional de "clique sinaliza a profundidade correta de compressão. Resistência realista para compressão do tórax permite os estudantes experimentarem a intensidade de pressão necessária para realizar compressões adequadas no tórax em uma situação da vida real. Vias aéreas econômicas para limpeza fácil e rápida. Faces removíveis e reutilizáveis para manutenção conveniente e acessível. MARCA: LAERDAL MODELO: LITTLE ANNE FOUR PACK / PROCEDÊNCIA: NORUEGA 2 MANEQUIM Unidade 4 R$ 2.881,5000 R$ ,0000 Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: O manequim Little Junior satisfaz suas necessidades quanto a baixo custo, treinamento de RCP em crianças como na vida real, sendo um perfeito complemento para o manequim Resusci Junior. Nossa embalagem para quatro manequins Little Junior torna a prática interativa acessível a cada estudante. Benefícios do Produto Educacionalmente eficaz ao oferecer todas as características essenciais necessárias para a aprendizagem de RCP em crianças. Acessibilidade através do aumento práticas interativas ao permitir maior relação entre estudante e manequim. Anatomias reais de pontos de referência fornecem as características essenciais necessárias para aprender as técnicas de RCP com qualidade. Perfil leve logístico conveniente torna o Little Junior fácil de transportar. Construção durável permite o uso inigualável a longo prazo. Características do Produto Passagens oral e nasal permitem o aperto real do nariz para ventilação da boca ao nariz. Obstrução natural das vias aéreas permite os estudantes aprenderem técnicas importantes de abertura das vias aéreas. Compressões abdominais também podem ser praticadas. Inclinação da cabeça / elevação do queixo e posicionamento da mandíbula permite os estudantes praticarem corretamente manipulações das vias aéreas necessárias ao ressuscitar uma vítima real. Função real das vias respiratórias significa que as mesmas permanecem obstruídas sem a inclinação da cabeça / elevação do queixo e posicionamento da mandíbula. Aumento real do tórax é visto com ventilações corretas. Pontos de referência anatomicamente corretos e corte em V do esterno permite o estudante praticar a identificação de todos os pontos de referência anatômicos relevantes à RCP em crianças. O retorno audível reforça a profundidade correta de compressão. Uma função opcional de "clique sinaliza a profundidade correta de compressão. Resistência realista para compressão do tórax permite os estudantes experimentarem a intensidade de pressão necessária para realizar compressões adequadas no tórax em uma situação da vida real. Vias aéreas econômicas para limpeza fácil e rápida. Faces removíveis e reutilizáveis para manutenção conveniente e acessível. MARCA: LAERDAL MODELO: LITTLE JUNIOR FOUR PACK / PROCEDÊNCIA: NORUEGA 3 MANEQUIM Unidade 4 R$ 1.740,0000 R$ 6.960,0000 Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: O manequim Baby Anne foi desenvolvido para fornecer treinamento RCP infantil sem comprometer o realismo ou a qualidade. A embalagem conveniente de quatro manequins Baby Anne torna a prática interativa acessível a cada estudante. Benefícios do Produto Educacionalmente eficaz ao oferecer todas as características essenciais necessárias para a aprendizagem de RCP infantil. A acessibilidade permite aumento da prática interativa. Compressões reais do tórax e aumento do tórax permitem o estudante aprender técnicas adequadas. Peso logisticamente conveniente e 4 pacotes portáteis pesam abaixo de 5,5 kg tornando o Baby Anne fácil de transportar. Prático devido ser barato e fácil de manter. Construção durável permite o uso inigualável a longo prazo. Características do Produto Passagens oral e nasal permitem o aperto real do nariz para ventilação da boca ao nariz. Obstrução natural das vias aéreas permite os estudantes aprenderem técnicas importantes de abertura das vias aéreas. Inclinação da cabeça / elevação do queixo e posicionamento da mandíbula permite os estudantes praticarem corretamente manipulações das vias aéreas necessárias ao ressuscitar um paciente real. Conformidade real do tórax significa que o estudante pode experimentar a técnica adequada requerida para compressões de tórax em bebês. Característica de obstrução das vias aéreas com objetos estranhos permite a liberação da obstrução com objetos estranhos ser praticada através de sopro para dentro e técnicas de compressão do tórax. Vias aéreas econômicas para limpeza fácil e rápida. Faces removíveis e reutilizáveis para manutenção conveniente e acessível. MARCA: LAERDAL MODELO: BABY ANNE FOUR PACK / PROCEDÊNCIA: NORUEGA 4 DESFIBRILADOR UNIDADE 4 R$ 2.263,0000 R$ 9.052,0000 Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: O Laerdal AED Trainer 2 oferece uma alternativa acessível para treinamento de leigos e prestadores de cuidados médicos no uso eficaz de uma desfibrilador externo automático. Benefícios do Produto Educacionalmente eficaz, oferecendo todas as funções essenciais necessárias para a aprendizagem do uso e técnicas adequadas do AED. Treinamento acessível através da simulação do HeartStart FR2 em aparência e operação. Flexibilidade adicionada do instrutor através do controle exclusivo da seleção do cenário pelo uso do dispositivo de controle https://www.comprasnet.gov.br/livre/pregao/fornecedorresultado.asp?prgcod=518468&strtipopregao=e 8/10

9 remoto. Configuração flexível do dispositivo através de um programa formador de cenário que permite a criação adicional de cenários personalizado de treinamento. Operação de custo favorável através do uso de 6 baterias de célula C. Características do Produto Dez cenários pré configurados de parada cardíaca repentina, compatíveis com os programas de treinamento desenvolvidos pelos programas de resposta reconhecida internacionalmente. Controle remoto (opcional) para função pausa / reinício da seleção manual do cenário, controle de volume do AED Trainer 2, artefato de movimento, carga baixa da bateria ou substituição da bateria, conexão frouxa dos eletrodos, ritmos com ou sem choques e condições de erro que simulam o X vermelho na janela de exibição de status do HeartStart FR2. Designado para uso com os manequins AED Little Anne e AED Resusci Anne com Laerdal Link Technology ao fornecer retorno ao estudante quanto à colocação adequada das pás no manequim. Também pode ser utilizado com um outro manequim onde a Laerdal Link Technology não está disponível. Colocação adequada das pás requerida para que o instrutor avance nos cenários quando utilizado com os manequins AED Little Anne e AED Resusci Anne. Caixa real da bateria simula a desconexão e inserção do pacote de bateria do desfibrilador HeartStart FR2. O indicador de status incorporado simula a janela de status do HeartStart FR2 para treinamento de manutenção. Inclui pacote leve de alta qualidade com cartão de protocolo para realismo adicionado ao treinamento e armazenagem durável do equipamento. MARCA: LAERDAL MODELO: AED TRAINER II / PROCEDENCIA: NORUEGA 8 MANEQUIM Unidade 1 R$ ,0000 R$ ,0000 Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: É um manequim avançado para trauma e remoção com 3 cabeças intercambiáveis: padrão, cabeça de intubação com trauma e cabeça de Mr. Hurt. Vem com vários módulos de ferimentos de trauma para aumentar cenários. Benefícios do Produto Educação eficaz na supervisão de vias aéreas, avaliação de traumas e habilidades de remoção. Móvel, durável e rígido para treinamento real em ambiente externo. Realismo superior com módulo de fraturas multifacial e crânio que permite avaliação de danos traumáticos de cabeça. Manequim completo de custo efetivo, com módulo de ferimentos, cabeça de trauma para intubação, cabeça de Mr. Hurt e cabeça padrão. Plataforma permite utilizar módulos múltiplos, incluindo substâncias químicas, biológicas e nucleares (NBC), trauma e controle de hemorragia. Fácil de transportar, para uso em sala de aula e ambiente externo. Características do Produto Manequim de corpo inteiro utilizado na área de remoção e triagem. Cabeça de Mr. Hurt (opaca aos raios X) incluindo:fratura aberta de crânio, Fratura Le Fort I & III, Fratura nasal, Fratura mandibular, Fratura de vértebra C 6, Pupilas desiguais, Desvio de traquéia, Hemotímpano Cabeça de intubação padrão permite supervisão de vias aéreas por manobras manuais e com vários dispositivos. Cabeça de trauma para intubação tem um objeto transpassado na bochecha, orelha rasgadsa, pupilas desiguais, dentes quebrados e dilacerações múltiplas. Módulo de tórax de ferimento por projétil intercambiável, para avaliação e cuidado. Articulação real para aplicação de colar cervical, talas e tração ou aplicação para cintas de amarração. Podem criar vários cenários de trauma com a adição de módulos de trauma. Apresenta queimaduras de 2º e 3º graus, lacerações, escoriações, fraturas e ferimentos profundos. Caixa para armazenagem e transporte. Produtos Integrantes Manequim de corpo inteiro Jaqueta e calças 3 cabeças Módulo de ferimentos Lubrificante Bolsa para transporte Manual de uso MARCA: LAERDAL MODELO: ULTIMATE HURT / PROCEDENCIA: NORUEGA 12 SIMULADOR Unidade 4 R$ 6.495,0000 R$ ,0000 Marca: NASCO Fabricante: NASCO Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: Este manequim pode ser utilizado para a simulação de um paciente nãoanestesiado; ele possui pontos de orientação anatômicos como dentes, língua, orofanringe, nasofaringe, laringe, epiglote, cartilagem aritenóide, plicas vestibulares e cordas vocais, traquéia, pulmões, esôfago, cartilagem cricóide e estômago. O manequim pode ser utilizado para praticar as seguintes medidas: Intubação (oral, nasal ou digital); Utilização de um tubo endotraqueal; Utilização de um obturador esofagiano; Utilização de um tubo de intubação com lúmen duplo; Introdução de um tubo do tipo Combitube ; Técnicas de ventilação artificial e sucção; Inflação do manguito (Cuff); Manobra de Sellick (compressão aplicada à cartilagem cricóide para evitar a regurgitação durante a intubação endotraqueal). Acessórios inclusos: Suporte, Spray lubrificante e Mala de transporte MARCA: NASCO MODELO: LF03699 PROCEDENCIA: ESTADOS UNIDOS 15 SIMULADOR Unidade 4 R$ 2.079,0000 R$ 8.316,0000 Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: Simulador de gerenciamento de vias aéreas e entubação tamanho neonatal. O instrutor de intubação neonatal da Laerdal permite o ensino das habilidades de intubação do bebê recém nascido. Robusto e real, este modelo permite os estudantes explorarem o treinamento que é diretamente transferível à configuração clínica. Anatomia real de um bebê recém nascido Intubação (oral e nasal) Ventilação por máscara com bolsa e válvula Colocação correta do tubo pode ser verificada ao praticar o teste de inflação. MARCA: LAERDAL MODELO: PROCEDENCIA: NORUEGA 19 SIMULADOR Unidade 4 R$ 5.090,0000 R$ ,0000 Marca: NASCO Fabricante: NASCO Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: Simulador para verificação da pressão arterial O simulador para o ensino de avaliação da pressão sanguínea auxilia a resolver as incertezas comuns em tirar a pressão arterial. Este simulador realista permite que o pré ajuste de valores para as pressões sistólica e diastólica. Fornece um excelente meio para a prática de ouvir e distinguir sons da pressão arterial antes da experiência clínica real. É possível discernir audivelmente as cinco fases de Korotkoff. Muitas vezes quando se trabalha com uma pessoa, as pressões são difíceis de se auscultar, tornando a avaliação de proficiência dos alunos quase impossível prejudicando a auto confiança do aluno. Com esta unidade realista, o estudante pode encontrar os resultados preliminarmente e infalivelmente, o instrutor pode saber se o aluno realizou o procedimento com precisão. Os sons gerados eletronicamente são gravados digitalmente. Unidade de Controle permite que o instrutor: Selecione as configurações sistólica e diastólica; Ajuste a taxa de pulso; Ajuste de volume Gap; Unidade de calibração compatível com qualquer esfigmomanômetro. Para estudantes: Utilização de procedimento normal de colocação do manguito no braço; Entrada de pulso palpável no local da radial; Bomba manguito; Pressões são ativados na válvula de alívio; Leitura das pressões sobre esfigmomanômetro; Ausculta Korotkoff A maneira ideal para transmitir sons da pressão arterial para uma sala inteira. O instrutor pode mudar instantaneamente fases de Korotkoff para comparar as diferenças audíveis, variar a taxa de pulso e volume, controle de pressão arterial sistólica e diastólica, e demonstrar o fenômeno de hiato auscultatório. Acessórios inclusos: Unidade de controle (pilhas tipo AA inclusos); Procedimento de calibração Simples; Pulso radial palpável; Esfignomamômetro; Mala de Transporte. MARCA: NASCO MODELO: LF01095 PROCEDENCIA: ESTADOS UNIDOS 21 SIMULADOR Unidade 2 R$ 2.656,6000 R$ 5.313,2000 https://www.comprasnet.gov.br/livre/pregao/fornecedorresultado.asp?prgcod=518468&strtipopregao=e 9/10

10 Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: Simulador de treinamento de enema e cateterização vesical Designado para prática de procedimentos de cuidados gastrointestinais e acessos urológicos e retais. A articulação real permite o posicionamento adequado para procedimentos: Genitália intercambiável com conectores e reservatório de cólon. Inserção e remoção do tubo retal Administração de clister Genitália, com conectores e reservatório urinário, facilita os procedimentos de cuidados urológicos: Cuidado do períneo Inserção de medicamento vaginal Explicação ao paciente do auto cateterismo intermitente Inserção, cuidado, irrigação e remoção do cateter residente Coleta de urina Irrigação contínua da bexiga Placa cirúrgica de ventre com locais de orifícios intercambiáveis permite a simulação do cuidado do tubo de cistostomia e cuidado do orifício de desvio urinário. Módulos intercambiáveis de cuidado de ferimentos adicionam realismo: Módulos de úlcera glútea e ventro glútea para grau de desenvolvimento, limpeza, curativo e prevenção. Módulo de coxa para irrigação do ferimento e procedimento de enchimento Módulo de coxa para remoção mecânica de corpos estranhos incluindo excisão de tecido com necrose e irrigação. Possíveis injeções IM dorso glúteo, ventro glúteo e vasto lateral. MARCA: LAERDAL MODELO: PROCEDENCIA: NORUEGA 25 SIMULADOR Unidade 2 R$ 3.528,0000 R$ 7.056,0000 Marca: NASCO Fabricante: NASCO Descrição Detalhada do Objeto Ofertado: Simulador de mama para exame e diagnóstico Câncer de mama é a segunda principal causa de morte por câncer entre as mulheres. Um exame manual realizado adequadamente é uma importante forma de detectar o câncer na fase inicial e tratável. Este simulador de mamas avançado oferece realismo para o ensino clínico de mamas para o auto exame. A densidade do tecido varia dentro da mama simulada, tal como em um paciente vivo. Tumores de tamanhos variados (1 4 cm de diâmetro), formas (redondo, oval, irregular / estreladas), e densidades podem ser inseridos pelo instrutor gerando uma combinação de cenários de treinamento ampliado. Os tumores representam adenomas, cistos, tumores malignos, e aumento dos gânglios linfáticos. O tronco está corretamente posicionado em decúbito dorsal e permite acesso a ambas as axilas. O simulador possui costelas palpáveis, esterno e clavículas, e aumento dos gânglios linfáticos na área axilar e subclavicular. Peau d orange ("pele de casca de laranja"), com inflamação, mamilo invertido, ondulações da pele, e assimetria também estão representados na pele incrivelmente realista. O simulador foi projetado para exame em decúbito dorsal, mas também pode ser usado em pé, se desejado. Eventualmente o treinamento também pode ser feito sem a pele de sobreposição. Acompanha: 1 Torso rígido 1 Mama direita 1 Mama esquerda 1 Pele de sobreposição 3 Conjuntos de tumor (27 nódulos) 1 Frasco de talco 1 Estojo rígido de transporte MARCA: NASCO MODELO: LF00980 PROCEDENCIA: ESTADOS UNIDOS Total do Fornecedor: R$ ,2000 Valor Global da Ata: R$ ,0100 Voltar https://www.comprasnet.gov.br/livre/pregao/fornecedorresultado.asp?prgcod=518468&strtipopregao=e 10/10

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal da Integração Latino Americana. Ata de Realização do Pregão Eletrônico Nº 00029/2014

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal da Integração Latino Americana. Ata de Realização do Pregão Eletrônico Nº 00029/2014 Pregão Eletrônico Este pregão possui 1 Ata Complementar Ver Ata Posterior 158658.292014.47777.4706.88415924728.554 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal da Integração Latino Americana Ata de Realização

Leia mais

Melhorando o Cuidado Maternal e Neonatal. SimMom Soluções em Simulação de Parto. www.laerdal.com/br/simmom

Melhorando o Cuidado Maternal e Neonatal. SimMom Soluções em Simulação de Parto. www.laerdal.com/br/simmom Melhorando o Cuidado Maternal e Neonatal SimMom Soluções em Simulação de Parto www.laerdal.com/br/simmom Inovação em Simulação Inovação em Simulação Melhorando a Segurança da Paciente A simulação tem reunido

Leia mais

Universidade Estadual de Maringá

Universidade Estadual de Maringá Universidade Estadual de Maringá DIRETORIA DE MATERIAL E PATRIMÔNIO AVISO DE LICITAÇÃO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N 075/2006 PROC. N 2753/2006 OBJETO: AQUISIÇÃO DE MANEQUIM BEBÊ, MANEQUIM BISSEXUAL E

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº. 030/2009

EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº. 030/2009 EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº. 030/2009 EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº 030/2009 OBJETO: AQUISIÇÃO DE MANEQUINS E EQUIPAMENTOS PARA TREINAMENTO EM SIMULAÇÃO CLINICA AVANÇADA, PARA EQUIPAR O LABORATÓRIO

Leia mais

MODELO DE PROPOSTA DE PREÇOS. Atender normas vigentes da ABNT Fabricante Garantia Marca Procedência Registro ANVISA/MS

MODELO DE PROPOSTA DE PREÇOS. Atender normas vigentes da ABNT Fabricante Garantia Marca Procedência Registro ANVISA/MS ESTADO DO PARANÁ Secretaria de Estado da Administração e da Previdência - SEAP Departamento de Administração de Material - DEAM Sistema GMS - GESTÃO DE MATERIAIS E SERVIÇOS MODELO DE PROPOSTA DE PREÇOS

Leia mais

PROGRAMAÇÃO CIENTÍFICA

PROGRAMAÇÃO CIENTÍFICA Curso de Extensão ASSISTÊNCIA AO PACIENTE GRAVE PARA TÉCNICOS EM ENFERMAGEM PROGRAMAÇÃO CIENTÍFICA Docentes: Thiago Christel Truppel, Adriano Yoshio Shimbo, Giulianno Tkaczuk de Souza, Cleberson Ribeiro

Leia mais

RECURSO ADMINISTRATIVO REFERÊNCIA: PREGÃO PRESENCIAL Nº 022/2013 PROCESSO Nº 037/2013 I RELATÓRIO

RECURSO ADMINISTRATIVO REFERÊNCIA: PREGÃO PRESENCIAL Nº 022/2013 PROCESSO Nº 037/2013 I RELATÓRIO JULGAMENTO DE RECURSO ADMINISTRATIVO RECURSO ADMINISTRATIVO REFERÊNCIA: PREGÃO PRESENCIAL Nº 022/2013 PROCESSO Nº 037/2013 RECORRENTE: OMNIMED LTDA. Vistos e etc... I RELATÓRIO A Recorrente ingressou com

Leia mais

Componente Curricular: Enfermagem Médica Profª Mônica I. Wingert Módulo III Turma 301E Ressuscitação Cardiopulmonar (RCP)

Componente Curricular: Enfermagem Médica Profª Mônica I. Wingert Módulo III Turma 301E Ressuscitação Cardiopulmonar (RCP) Componente Curricular: Enfermagem Médica Profª Mônica I. Wingert Módulo III Turma 301E Ressuscitação Cardiopulmonar (RCP) É parada súbita e inesperada da atividade mecânica ventricular útil e suficiente

Leia mais

Prefeitura Municipal de Ribeirão Preto Estado de São Paulo Secretaria da Administração. Edital de Retificação e Prorrogação

Prefeitura Municipal de Ribeirão Preto Estado de São Paulo Secretaria da Administração. Edital de Retificação e Prorrogação Edital de Retificação e Prorrogação Pregão Eletrônico nº 021/2013 Processo nº 118/2013 Objeto: Registro de preços para aquisição de equipamentos hospitalares conforme descrito no Edital e seus anexos,

Leia mais

21/6/2011. eduardoluizaph@yahoo.com.br

21/6/2011. eduardoluizaph@yahoo.com.br A imagem não pode ser exibida. Talvez o computador não tenha memória suficiente para abrir a imagem ou talvez ela esteja corrompida. Reinicie o computador e abra o arquivo novamente. Se ainda assim aparecer

Leia mais

Emergências. Simulador Infantil para Treino de Suporte Avançado ACLS

Emergências. Simulador Infantil para Treino de Suporte Avançado ACLS Emergências Simulador Infantil para Treino de Suporte Avançado ACLS Descrição: TGD-0534 Simulador infantil para Treino de Suporte Avançado. para estudo. Modelo possui tecnologia avançada e sua construção

Leia mais

PRIMEIROS SOCORROS ASHI

PRIMEIROS SOCORROS ASHI PRIMEIROS SOCORROS ASHI Alteração de Protocolo A American Heart Association é uma entidade americana responsável por grande parte dos protocolos de primeiros socorros e emergências médicas que são utilizados

Leia mais

Informações sobre anestesia

Informações sobre anestesia Informações sobre anestesia Estamos fornecendo este documento para ajudar os pacientes que serão submetidos a anestesia, para melhor entendimento do processo. Leia-o cuidadosamente e entenda o conteúdo.

Leia mais

Via Aérea Difícil. Dr. Antonio Roberto Carraretto, TSA-SBA

Via Aérea Difícil. Dr. Antonio Roberto Carraretto, TSA-SBA Via Aérea Difícil Dr. Antonio Roberto Carraretto, TSA-SBA 2 Via Aérea Difícil Definições: Não é possível visualizar nenhuma parte das cordas vocais pela laringoscopia convencional. A intubação requer mais

Leia mais

X Series. catálogo 100% MAIS PODEROSO 60% MENOR 40% MAIS LEVE TECNOLOGIAS DE RCP SEM PRECEDENTES

X Series. catálogo 100% MAIS PODEROSO 60% MENOR 40% MAIS LEVE TECNOLOGIAS DE RCP SEM PRECEDENTES Perguntamos aos profissionais de EMS de todo o mundo como deveria ser um desfibrilador/monitor......nós projetamos o... 60% MENOR X Series 40% MAIS LEVE PEQUENO LEVE PODEROSO 4 TRAÇADOS 12 LEADS NA TELA

Leia mais

Especificação Técnica

Especificação Técnica Divinolândia, 19 de Fevereiro de 2015 Prezados senhores interessados Esta comissão de Julgamento de Licitação do Conderg Hospital Regional de Divinolândia, esclarece através deste, alterações feita no

Leia mais

Hugo Fragoso Estevam

Hugo Fragoso Estevam Hugo Fragoso Estevam PALS Suporte Avançado de Vida Pediátrico Objetivos 1. Entender as diferenças de manifestação das causas de parada cardiorrespiratória nas crianças em relação aos adultos. 2. Compreender

Leia mais

Soluções em Monitoração GE. Alta tecnologia agora ao seu alcance.

Soluções em Monitoração GE. Alta tecnologia agora ao seu alcance. Soluções em Monitoração GE Alta tecnologia agora ao seu alcance. Monitorização GE A GE Healthcare tem tecnologias inovadoras para oferecer o melhor atendimento na hora de monitorizar o paciente. Com monitores

Leia mais

Pós Operatório. Cirurgias Torácicas

Pós Operatório. Cirurgias Torácicas Pós Operatório Cirurgias Torácicas Tipos de Lesão Lesões Diretas fratura de costelas, coluna vertebral ou da cintura escapular, hérnia diafragmática, ruptura do esôfago, contusão ou laceração pulmonar.

Leia mais

VIAS AÉREAS. Obstrução por corpo estranho SIATE - SERVIÇO INTEGRADO DE ATENDIMENTO AO TRAUMA EM EMERGÊNCIA

VIAS AÉREAS. Obstrução por corpo estranho SIATE - SERVIÇO INTEGRADO DE ATENDIMENTO AO TRAUMA EM EMERGÊNCIA VIAS AÉREAS Obstrução por corpo estranho SIATE - SERVIÇO INTEGRADO DE ATENDIMENTO AO TRAUMA EM EMERGÊNCIA OBSTRUÇÃO DAS VIAS AÉREAS POR CORPO ESTRANHO PERDA DE CONSCIÊNCIA PARADA CARDIORRESPIRATÓRIA RECONHECIMENTO

Leia mais

OBJETO: AQUISIÇÃO DE MANEQUINS SIMULADORES DE HABILIDADES PARA USO NO CURSO DE MEDICINA DO UNI-FACEF SUMÁRIO

OBJETO: AQUISIÇÃO DE MANEQUINS SIMULADORES DE HABILIDADES PARA USO NO CURSO DE MEDICINA DO UNI-FACEF SUMÁRIO PROCESSO LICITATÓRIO: 24/2014 MODALIDADE: PREGÃO PRESENCIAL Nº 14/2014 TIPO: MENOR PREÇO FINALIDADE: CONTRATAÇÃO OBJETO: AQUISIÇÃO DE MANEQUINS SIMULADORES DE HABILIDADES PARA USO NO CURSO DE MEDICINA

Leia mais

PRINCIPAIS PROCEDIMENTOS

PRINCIPAIS PROCEDIMENTOS PRINCIPAIS PROCEDIMENTOS NEONATOLOGIA ISRAEL FIGUEIREDO JUNIOR israel@vm.uff.br VIAS AÉREAS e VENTILAÇÃO Intubação Traqueal Seqüência Intubação Traqueal Técnica de Intubação Oxigenação com ambu com O2

Leia mais

NÚCLEO DE EDUCAÇÃO EM URGÊNCIAS SANTA CATARINA

NÚCLEO DE EDUCAÇÃO EM URGÊNCIAS SANTA CATARINA NÚCLEO DE EDUCAÇÃO EM URGÊNCIAS SANTA CATARINA REANIMAÇÃO CÁRDIO RESPIRATÓRIA NO ADULTO Enf. KEYLA CRISTIANE DO NASCIMENTO Dr. MARIO COUTINHO GRAU DE URGÊNCIA A Parada Cárdio-Respiratória (PCR) é uma urgência

Leia mais

Sistemas de monitorização em UTI

Sistemas de monitorização em UTI Sistemas de monitorização em UTI # Monitorização cardíaca não invasiva; # Noções básicas de eletrocardiograma; Monitorizar visualização freqüente e repetida das variáveis fisiológicas Logo: Prevenir, Avisar,

Leia mais

cateter de Swan-Ganz

cateter de Swan-Ganz cateter de Swan-Ganz Dr. William Ganz Dr. Jeremy Swan A introdução, por Swan e Ganz, de um cateter que permitia o registro de parâmetros hemodinâmicos na artéria pulmonar a partir de 1970 revolucionou

Leia mais

Diretrizes de reanimação cardiopulmonar

Diretrizes de reanimação cardiopulmonar Enf: Karin Scheffel Diretrizes de reanimação cardiopulmonar Atendimento inicial suporte básico (BLS) ou suporte primário Atendimento avançado ACLS (Circulation. 2010;122[suppl 3]:S787 S817.) http://circ.ahajournals.org/content/122/18_suppl_3/s787.full

Leia mais

Tempo é vida. Life 400plus, praticidade e confiabilidade na hora de salvar PORTABILIDADE, MOBILIDADE E SEGURANÇA

Tempo é vida. Life 400plus, praticidade e confiabilidade na hora de salvar PORTABILIDADE, MOBILIDADE E SEGURANÇA Tempo é vida. Life 400plus, praticidade e confiabilidade na hora de salvar PORTABILIDADE, MOBILIDADE E SEGURANÇA TECNOLOGIA E EFICÊNCIA QUE SALVA VIDAS PÁS EXTERNAS INTERCAMBIÁVEIS Adulto/Infantil LEVE

Leia mais

LABORATÓRIO DE HABILIDADES CLÍNICAS - LHC

LABORATÓRIO DE HABILIDADES CLÍNICAS - LHC LABORATÓRIO DE HABILIDADES CLÍNICAS - LHC Universidade Federal do Ceará - UFC Curso de Medicina Campus Sobral - HISTÓRICO Em 1975 na Universidade de Limburg, em MAASTRICHT na Holanda, foi criado o Instituto

Leia mais

CURSO DE HABILIDADES PRÁTICAS EM MEDICINA INTENSIVA 8 e 9 de agosto de 2014 03 e 04 de outubro de 2014

CURSO DE HABILIDADES PRÁTICAS EM MEDICINA INTENSIVA 8 e 9 de agosto de 2014 03 e 04 de outubro de 2014 CURSO DE HABILIDADES PRÁTICAS EM MEDICINA INTENSIVA 8 e 9 de agosto de 2014 03 e 04 de outubro de 2014 Coordenação Dr. Luciano Cesar Pontes Azevedo Doutor em medicina pela Universidade de São Paulo - USP

Leia mais

LABORATÓRIO RIO DE HABILIDADES CLÍNICAS. Universidade Estácio de Sá Rio de Janeiro Curso de Medicina

LABORATÓRIO RIO DE HABILIDADES CLÍNICAS. Universidade Estácio de Sá Rio de Janeiro Curso de Medicina Universidade Estácio de Sá Rio de Janeiro Curso de Medicina HISTÓRICO 1975 Universidade de Limburg MAASTRICHT Holanda Cria o Instituto Educacional para Treinamento de Habilidades Médicas M SKILLSLAB HISTÓRICO

Leia mais

ROTINAS E TÉCNICAS DE ENFERMAGEM Relação de POPs

ROTINAS E TÉCNICAS DE ENFERMAGEM Relação de POPs ROTINAS E TÉCNICAS DE ENFERMAGEM Relação de POPs AFERIÇÕES 21.001 Aferição da Altura Corporal Pacientes acima de 2 anos 21.002 da Frequência Respiratória 21.003 de Peso Corporal Pacientes acima de 2 anos

Leia mais

Coração. O Exame Físico do Coração. Dr. Carlos Caron e Dr. Ivan Paredes CONSIDERAÇÕES GERAIS

Coração. O Exame Físico do Coração. Dr. Carlos Caron e Dr. Ivan Paredes CONSIDERAÇÕES GERAIS CARDIOVASCULAR Coração Dr. Carlos Caron e Dr. Ivan Paredes O Exame Físico do Coração Neste módulo estudaremos o exame físico do sistema cardiovascular, estabelecendo relações com a fisiologia, anatomia

Leia mais

Semiologia Cardíaca. Exame físico

Semiologia Cardíaca. Exame físico Semiologia Cardíaca Exame físico Exame físico Inspeção Palpação Percussão Ausculta Exame físico Inspeção e palpação simultaneamente: achados mais significativos Pesquisa de abaulamento Análise do ictus

Leia mais

Pronto. salvar cada. Cardioversor bifásico Essencial. para o usar, porque para. segundo conta.

Pronto. salvar cada. Cardioversor bifásico Essencial. para o usar, porque para. segundo conta. Pronto para o usar, porque para salvar cada segundo conta. Cardioversor bifásico Essencial 220mm COMPACTO E RESISTENTE PÁS EXTERNAS INTERCAMBIÁVEIS Adulto/Infantil DIMENSÕES REDUZIDAS 240mm 260mm LEVE

Leia mais

Bulhas e Sopros Cardíacos

Bulhas e Sopros Cardíacos O conceito de pressão máxima e pressão mínima Quando se registra uma pressão de 120 mmhg por 80 mmhg, indica-se que a pressão sistólica é de 120 mmhg e a pressão diastólica é de 80 mmhg, ou seja, que estas

Leia mais

Hemodinâmica. Cardiovascular. Fisiologia. Fonte: http://images.sciencedaily.com/2008/02/080226104403-large.jpg

Hemodinâmica. Cardiovascular. Fisiologia. Fonte: http://images.sciencedaily.com/2008/02/080226104403-large.jpg Fonte: http://images.sciencedaily.com/2008/02/080226104403-large.jpg Fisiologia Cardiovascular Hemodinâmica Introdução O sistema circulatório apresenta várias funções integrativas e de coordenação: Função

Leia mais

SISTEMA DE RASTREIO ÓPTICO

SISTEMA DE RASTREIO ÓPTICO SISTEMA DE RASTREIO ÓPTICO 1 SISTEMA DE RASTREIO ÓPTICO VISÃO GERAL O Sistema de Rastreio Óptico, ou simplesmente SISROT, foi desenvolvido com o objetivo de rastrear foguetes nos primeiros instantes de

Leia mais

TR-PROCAD Nº TR ESPECIFICAÇÃO QTDE CAMA DE FAWLER ELÉTRICA C/ GRADE ESMALTADA E RODÍZIOS

TR-PROCAD Nº TR ESPECIFICAÇÃO QTDE CAMA DE FAWLER ELÉTRICA C/ GRADE ESMALTADA E RODÍZIOS TR-PROCAD Nº TR ESPECIFICAÇÃO QTDE CAMA DE FAWLER ELÉTRICA C/ GRADE ESMALTADA E RODÍZIOS Possua movimentos de elevação do leito, elevação da cabeceira (posição de Fawler), elevação da parte dos pés da

Leia mais

mudanças em qualquer uma dos ajustes nas janelas do paciente ou do ventilador sejam implementadas.

mudanças em qualquer uma dos ajustes nas janelas do paciente ou do ventilador sejam implementadas. 1- DESCRIÇÃO O xlung é um simulador virtual da interação paciente-ventilador pulmonar que incorpora os principais recursos do suporte ventilatório a diferentes configurações de aspectos demográficos, de

Leia mais

CAPÍTULO 9 RESSUSCITAÇÃO CARDIOPULMONAR

CAPÍTULO 9 RESSUSCITAÇÃO CARDIOPULMONAR CAPÍTULO 9 RESSUSCITAÇÃO CARDIOPULMONAR 1. Histórico A reanimação tem sido uma aspiração humana há séculos. No século passado a reanimação foi uma prática comum na Europa, pela técnica de rolar vítimas

Leia mais

ENFERMAGEM HOSPITALAR Manual de Normas, Rotinas e Procedimentos Sumário ATRIBUIÇÕES DA EQUIPE DE ENFERMAGEM

ENFERMAGEM HOSPITALAR Manual de Normas, Rotinas e Procedimentos Sumário ATRIBUIÇÕES DA EQUIPE DE ENFERMAGEM ENFERMAGEM HOSPITALAR Sumário ATRIBUIÇÕES DA EQUIPE DE ENFERMAGEM Chefia do Serviço de Enfermagem Supervisor de Enfermagem Enfermeiro Encarregado de Unidade/Setor Enfermeiros em Unidade de Terapia Intensiva

Leia mais

Ressuscitação cardiopulmonar: conduta atual. Marcelo De Carli Cardiologista

Ressuscitação cardiopulmonar: conduta atual. Marcelo De Carli Cardiologista Ressuscitação cardiopulmonar: conduta atual Marcelo De Carli Cardiologista 26/11/2011 14:00 às 14:40 Parada cardiorrespiratória Aula baseada nos manuais de Suporte Básico de Vida e de Suporte Avançado

Leia mais

Manual do Usuário Android Neocontrol

Manual do Usuário Android Neocontrol Manual do Usuário Android Neocontrol Sumário 1.Licença e Direitos Autorais...3 2.Sobre o produto...4 3. Instalando, Atualizando e executando o Android Neocontrol em seu aparelho...5 3.1. Instalando o aplicativo...5

Leia mais

[213] 96. LESÕES MÚSCULO-ESQUELÉTICAS

[213] 96. LESÕES MÚSCULO-ESQUELÉTICAS Parte IV P R O T O C O L O S D E T R A U M A [213] rotina consiste em infundir 20 ml/kg em bolus de solução de Ringer e reavaliar o paciente em seguida. Manter a pressão sistólica entre 90 e 100 mmhg.

Leia mais

ASSISTÊNCIA AO NEONATO EM ESTADO GRAVE. Renata Loretti Ribeiro Enfermeira COREN/42883

ASSISTÊNCIA AO NEONATO EM ESTADO GRAVE. Renata Loretti Ribeiro Enfermeira COREN/42883 ASSISTÊNCIA AO NEONATO EM ESTADO GRAVE Renata Loretti Ribeiro Enfermeira COREN/42883 CUIDADOS INICIAIS NO RN Renata Loretti - Enfermeira 2 Cuidados imediatos Realizados na Sala de Parto pelo Obstetra n

Leia mais

Corpo Humano. A Menor Unidade Viva do Corpo Humano: Célula

Corpo Humano. A Menor Unidade Viva do Corpo Humano: Célula : Estuda a Estrutura Estática do Corpo Humano É Utilizada para Classificar e Descrever as Lesões de acordo com Sua Localização Prever Lesões de Órgãos Internos, baseando-se na Localização Externa da Lesão

Leia mais

Técnica de aferição da pressão arterial

Técnica de aferição da pressão arterial Secretaria Municipal de Saúde e Defesa Civil Sub-Secretaria de Promoção, Atenção Primária e Vigilância em Saúde Gerência do Programa de Hipertensão Técnica de aferição da pressão arterial O esfigmomanômetro

Leia mais

PRONTIDÃO ESCOLAR PREVENTIVA. Primeiros Socorros ABORDAGEM PRIMÁRIA RÁPIDA. Policial BM Espínola

PRONTIDÃO ESCOLAR PREVENTIVA. Primeiros Socorros ABORDAGEM PRIMÁRIA RÁPIDA. Policial BM Espínola PRONTIDÃO ESCOLAR PREVENTIVA Primeiros Socorros ABORDAGEM PRIMÁRIA RÁPIDA Policial BM Espínola LEMBRE-SE Antes de administrar cuidados de emergência, é preciso garantir condições de SEGURANÇA primeiramente

Leia mais

MEDIÇÃO INDIVIDUALIZADA

MEDIÇÃO INDIVIDUALIZADA MEDIÇÃO INDIVIDUALIZADA Central de Coleta e Armazenamento de Dados (Especificação) A Central de Coleta e Armazenamento de Dados deverá apresentar as seguintes características: 1. Receber, de forma contínua,

Leia mais

[251] 114. AVALIAÇÃO SISTEMÁTICA DE RADIOGRAFIAS DO TÓRAX

[251] 114. AVALIAÇÃO SISTEMÁTICA DE RADIOGRAFIAS DO TÓRAX [251] 114. AVALIAÇÃO SISTEMÁTICA DE RADIOGRAFIAS DO TÓRAX a. CONSIDERAÇÕES TÉCNICAS Exposição A aquisição adequada da radiografia de tórax é mais difícil que a de outras partes do corpo devido ao contraste

Leia mais

Manual do Usuário. Telefone Sem Fio LS3 MANUAL DO USUÁRIO

Manual do Usuário. Telefone Sem Fio LS3 MANUAL DO USUÁRIO Telefone Sem Fio LS3 MANUAL DO USUÁRIO Introdução 3 1. Indicações de segurança 4 2 Instrução ao teclado e aos ícones 6 2.1 Teclado 6 2.2 Ícones 7 3 Instalação 7 3.1 Instalação do sim card 7 3.2 Carregando

Leia mais

PARADA CARDIO-RESPIRATÓRIA EM RECÉM-NASCIDO

PARADA CARDIO-RESPIRATÓRIA EM RECÉM-NASCIDO Protocolo: Nº 46 Elaborado por: Wilhma Castro Ubiratam Lopes Manoel Emiliano Última revisão: 03//2011 Revisores: Manoel Emiliano Ubiratam Lopes Wilhma Alves Samantha Vieira Eduardo Gonçalves PARADA CARDIO-RESPIRATÓRIA

Leia mais

A lavagem de mãos é um procedimento indispensável em todos os procedimentos relacionados a terapia intravenosa.

A lavagem de mãos é um procedimento indispensável em todos os procedimentos relacionados a terapia intravenosa. A lavagem de mãos é um procedimento indispensável em todos os procedimentos relacionados a terapia intravenosa. Projeto coordenado por Profa. Dra. Denise Costa Dias 1. Selecionar a veia e os materiais

Leia mais

4 5 Estética inteligente

4 5 Estética inteligente 2 3 Design e desempenho O que é bom não precisa de ser aperfeiçoado. Com este objectivo conseguimos desenvolver uma geração completamente nova de máquinas de ventilação. A bellavista garante óptimas perspectivas

Leia mais

Fisiologia Geral. Biofísica da Circulação: artérias

Fisiologia Geral. Biofísica da Circulação: artérias Fisiologia Geral Biofísica da Circulação: O ciclo cardíaco; Interconversão de energias nas artérias SISTEMA CARDIOVASCULAR Sistema de ductos fechados com uma bomba hidráulica: O coração. Artérias: vasos

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico Etec Etec: Paulino Botelho Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Ambiente e Saúde Habilitação Profissional: Especialização Profissional Técnica

Leia mais

SISTEMA CARDIOVASCULAR

SISTEMA CARDIOVASCULAR SISTEMA CARDIOVASCULAR Professora: Edilene biologolena@yahoo.com.br Sistema Cardiovascular Sistema Cardiovascular Composto pelo coração, pelos vasos sanguíneos e pelo sangue; Tem por função fazer o sangue

Leia mais

As cirurgias cardíacas são acontecimentos recentes;

As cirurgias cardíacas são acontecimentos recentes; CIRURGIAS CARDÍACAS CIRURGIA CARDÍACA As cirurgias cardíacas são acontecimentos recentes; Na Europa e Brasil, até fins do século XIX não eram realizados procedimentos cirúrgicos na cardiologia; Com o avanço

Leia mais

Oferecemos uma ampla gama de tratamentos entre os que podemos destacar:

Oferecemos uma ampla gama de tratamentos entre os que podemos destacar: A cirurgia endovascular agrupa uma variedade de técnicas minimamente invasivas mediante as quais CIRURGIA ENDOVASCULAR = CIRURGIA SEM CORTES! Técnicas Minimamente Invasivas As técnicas de cirurgia endovascular

Leia mais

Atenda às necessidades em constante mudança dos seus pacientes. Trilogy100, tecnologia avançada de ventilação

Atenda às necessidades em constante mudança dos seus pacientes. Trilogy100, tecnologia avançada de ventilação Atenda às necessidades em constante mudança dos seus pacientes. Trilogy100, tecnologia avançada de ventilação Trilogy100, características exclusivas para pacientes exclusivos Trilogy100, um versátil ventilador

Leia mais

w w w. m i c r o m e d. i n d. b r

w w w. m i c r o m e d. i n d. b r w w w. m i c r o m e d. i n d. b r ECG USB em 12 Derivações simultâneas; Trabalha em Tempo Real; Compatível com o sistema Android de Tablet ou Celular*; O sinal eletrocardiográfico é passado para o micro

Leia mais

CPRLilly P70/1 (1017774) CPRLillyPro P71/1 (1017775) CPRLilly P70 (1017772) CPRLillyPro P71 (1017773)

CPRLilly P70/1 (1017774) CPRLillyPro P71/1 (1017775) CPRLilly P70 (1017772) CPRLillyPro P71 (1017773) CPRLilly P70/1 (1017774) CPRLillyPro P71/1 (1017775) CPRLilly P70 (1017772) CPRLillyPro P71 (1017773) CPRLilly (P70) und CPRLillyPRO (P71) Índice Introdução 3 Material fornecido 3 Guia rápido 4 Montagem,

Leia mais

Soluções completas de segurança em vídeo IP

Soluções completas de segurança em vídeo IP Soluções completas de segurança em vídeo IP Soluções completas de segurança em vídeo IP www.indigovision.com IndigoVision Visão geral A solução empresarial de segurança IP IndigoVision garante o monitoramento

Leia mais

CAPÍTULO 4 : CUIDADOS COM O RECÉM-NASCIDO ASFIXIADO

CAPÍTULO 4 : CUIDADOS COM O RECÉM-NASCIDO ASFIXIADO CAPÍTULO 4 : CUIDADOS COM O RECÉM-NASCIDO ASFIXIADO ESTRATÉGIAS NO CONTROLE DA ASFIXIA DURANTE O NASCIMENTO Certas condições durante a gravidez estão associadas com o aumento do risco de asfixia ao nascer

Leia mais

O MANEJO DA VIA AÉREA DE EMERGÊNCIA INTRODUÇÃO

O MANEJO DA VIA AÉREA DE EMERGÊNCIA INTRODUÇÃO O MANEJO DA VIA AÉREA DE EMERGÊNCIA INTRODUÇÃO Um dos maiores desafios das situaçoes de emergência é a aquisição dadas vias respiratórias. No algoritmo para qualquer situação de emergência, a manutenção

Leia mais

MEGA-CA Touch Screen Termo Desinfectora MANUAL DE OPERAÇÃO REV. 1.5 04/05/2011

MEGA-CA Touch Screen Termo Desinfectora MANUAL DE OPERAÇÃO REV. 1.5 04/05/2011 MEGA-CA Touch Screen Termo Desinfectora MANUAL DE OPERAÇÃO REV. 1.5 04/05/2011 Av. José Carlos Massoco 2000, Itu - SP - CEP 13306-740 Fone (11) 4024-2240 - 1 - Introdução : O controlador modelo MEGA-CA

Leia mais

Monitores Multiparamétricos

Monitores Multiparamétricos Monitores Multiparamétricos Dixtal é uma empresa do grupo Philips Linha de Monitores DX A linha de monitores DX é excelente para diversos ambientes hospitalares como atendimento cirúrgico, cardíaco, terapia

Leia mais

HOSPITAL ESTADUAL DA CRIANÇA. Especialização em Medicina Intensiva Pediátrica

HOSPITAL ESTADUAL DA CRIANÇA. Especialização em Medicina Intensiva Pediátrica HOSPITAL ESTADUAL DA CRIANÇA PÓS-GRADUAÇÃO LATU SENSU Especialização em Medicina Intensiva Pediátrica Programa de Pós-Graduação 2014 Caracterização do curso: Instituições: Instituto D Or de Pesquisa e

Leia mais

Cardioversor bifásico

Cardioversor bifásico Cardioversor bifásico Desfibrilador Bifásico Módulo Desfibrilador Externo Automático (DEA) Modo Prevenção de Morte Súbita (PMS) ECG (Eletrocardiograma) até 12 derivações Oximetria (SpO2) Marcapasso Não

Leia mais

Lição 04 RESSUSCITAÇÃO CARDIOPULMONAR

Lição 04 RESSUSCITAÇÃO CARDIOPULMONAR Lição 04 RESSUSCITAÇÃO CARDIOPULMONAR OBJETIVOS: Ao final desta lição os participantes serão capazes de: 1. Descrever as principais causas de obstrução das vias aéreas; 2. Demonstrar os passos da assistência

Leia mais

DICIONÁRIO DE TERMOS DA HEMODINÂMICA

DICIONÁRIO DE TERMOS DA HEMODINÂMICA DICIONÁRIO DE TERMOS DA HEMODINÂMICA Aneurisma: dilatação e protusão localizada da parede de um vaso (principalmente artéria) ou do coração, decorrente de uma fragilidade estrutural local. Angina: também

Leia mais

Tabela de Honorários para Prestação de Serviços de Enfermagem ATIVIDADES AÇÕES DESENVOLVIDAS QUADRO VALOR ATUAL

Tabela de Honorários para Prestação de Serviços de Enfermagem ATIVIDADES AÇÕES DESENVOLVIDAS QUADRO VALOR ATUAL Tabela de Honorários para Prestação de Serviços de Enfermagem ATIVIDADES AÇÕES DESENVOLVIDAS QUADRO VALOR ATUAL 1. Consultoria I 2. Assessoria I Livre ADMINISTRATIVAS 3. Auditoria I manifestação 4. Planejamento

Leia mais

Como funciona o coração?

Como funciona o coração? Como funciona o coração? O coração é constituído por: um músculo: miocárdio um septo duas aurículas dois ventrículos duas artérias: aorta pulmonar veias cavas: inferior superior veias pulmonares válvulas

Leia mais

GASOMETRIA ARTERIAL GASOMETRIA. Indicações 11/09/2015. Gasometria Arterial

GASOMETRIA ARTERIAL GASOMETRIA. Indicações 11/09/2015. Gasometria Arterial GASOMETRIA ARTERIAL Processo pelo qual é feita a medição das pressões parciais dos gases sangüíneos, a partir do qual é possível o cálculo do PH sangüíneo, o que reflete o equilíbrio Ácido-Básico 2 GASOMETRIA

Leia mais

Guia de Referência Rápida de Operação

Guia de Referência Rápida de Operação Guia de Referência Rápida de Operação Projetor Proinfo GIPM.04/2U Guia de Referência Rápida de Operação LS-5580 Projetor Proinfo 69.000.70207-1 Guia de Referência Rápida de Operação Projetor Proinfo 1-2

Leia mais

Ventilação Mecânica para Enfermeiros HC UFTM. Prof. Ms. Pollyanna Tavares Silva Fernandes

Ventilação Mecânica para Enfermeiros HC UFTM. Prof. Ms. Pollyanna Tavares Silva Fernandes Ventilação Mecânica para Enfermeiros HC UFTM Prof. Ms. Pollyanna Tavares Silva Fernandes 1. Características anatômicas do Sistema Cardiorrespiratório do RN: LARINGE ALTA: - permite que o RN respire e degluta

Leia mais

Recebimento de pacientes na SRPA

Recebimento de pacientes na SRPA CURSO TÉCNICO DE ENFERMAGEM ENFERMAGEM CIRÚRGICA MÓDULO III Profª Mônica I. Wingert 301E Recebimento de pacientes na SRPA O circulante do CC conduz o paciente para a SRPA; 1.Após a chegada do paciente

Leia mais

ANEXO I RELAÇÃO DOS ITENS DA LICITAÇÃO

ANEXO I RELAÇÃO DOS ITENS DA LICITAÇÃO Folha: 1/5 Especificação Marca Preço Unit. Máximo Preço Unitário Preço Total 1 1,00 Un. - Respirador composto de: ventilador ciclado a pressão e volume, totalmente microprocessado, para utilização em pacientes

Leia mais

Instruções para Uso Treinador de AED

Instruções para Uso Treinador de AED Instruções para Uso Treinador de AED NÚMERO DA PEÇA Direitos Autorais 2007 Cardiac Science Corporation. Todos os direitos reservados. O Treinador do Desfibrilador Externo Automático (AED) é um dispositivo

Leia mais

Digifort Enterprise A mais completa solução Digifort para monitoramento de câmeras e alarmes.

Digifort Enterprise A mais completa solução Digifort para monitoramento de câmeras e alarmes. Digifort Enterprise A mais completa solução Digifort para monitoramento de câmeras e alarmes. A versão Enterprise é o pacote que compreende todos os recursos disponíveis para o Sistema Digifort, oferecendo

Leia mais

- CAPÍTULO 3 - O SISTEMA CARDIOVASCULAR. 3) ANATOMIA DO CORAÇÃO HUMANO - O coração é um órgão oco localizado no meio do peito, na cavidade torácica;

- CAPÍTULO 3 - O SISTEMA CARDIOVASCULAR. 3) ANATOMIA DO CORAÇÃO HUMANO - O coração é um órgão oco localizado no meio do peito, na cavidade torácica; - CAPÍTULO 3 - O SISTEMA CARDIOVASCULAR 1) FUNÇÕES DO SISTEMA CARDIOVASCULAR - Propulsão do sangue por todo o organismo; - Transporte de substâncias como o oxigênio (O 2 ), dióxido de carbono ou gás carbônico

Leia mais

TAKAOKA MONTEREY SMART

TAKAOKA MONTEREY SMART TAKAOKA MONTEREY SMART OPERAÇÃO NO RECÉM-NASCIDO O Monterey Smart é um respirador microprocessado desenvolvido para atender pacientes adultos, infantis e neonatais em terapia intensiva e transporte intra

Leia mais

REGRA PARA CÁLCULO DE DPP ( REGRA DE NAGELE).

REGRA PARA CÁLCULO DE DPP ( REGRA DE NAGELE). PRIMEIRA CONSULTA DE PRÉ NATAL. HISTÓRIA: Entrevista (nome, idade, procedência, estado civil, endereço e profissão) História familiar de problemas de saúde. História clínica da gestante. História obstétrica.

Leia mais

Manual Digifort Explorer Cliente de Monitoramento Versão 6.2.0.0 Rev. A

Manual Digifort Explorer Cliente de Monitoramento Versão 6.2.0.0 Rev. A Manual Digifort Explorer Cliente de Monitoramento Versão 6.2.0.0 Rev. A 2 Cliente de Monitoramento - Versão 6.2.0.0 Índice Part I Bem vindo ao Manual do Digifort Explorer 4 1 Screen... Shots 4 2 A quem...

Leia mais

Conhecendo seu telefone

Conhecendo seu telefone Conhecendo seu telefone Fone de ouvido Tecla de navegação S Lentes da câmera Tecla virtual esquerda Teclas de volume Tecla Enviar N Tecla virtual direita Tecla Menu M Tecla Finalizar O Porta da bateria

Leia mais

Indicações e Uso do CPAP em Recém-Nascidos. Dr. Alexander R. Precioso Unidade de Pesquisa Experimental Departamento de Pediatria da FMUSP

Indicações e Uso do CPAP em Recém-Nascidos. Dr. Alexander R. Precioso Unidade de Pesquisa Experimental Departamento de Pediatria da FMUSP Indicações e Uso do CPAP em Recém-Nascidos Dr. Alexander R. Precioso Unidade de Pesquisa Experimental Departamento de Pediatria da FMUSP CPAP - Definição Pressão de Distensão Contínua Manutenção de uma

Leia mais

Primeira parte: operações básicas

Primeira parte: operações básicas Esta linha de DVR EXVISION foi projetada especialmente para as áreas de segurança e vigilância, e é um excelente produto em termos de vigilância digital. Ele possuiu um sistema operacional LINUX integrado

Leia mais

Semiologia Cardiovascular. B3, B4, Cliques, Estalidos e Atrito Pericárdico. Por Gustavo Amarante

Semiologia Cardiovascular. B3, B4, Cliques, Estalidos e Atrito Pericárdico. Por Gustavo Amarante Semiologia Cardiovascular B3, B4, Cliques, Estalidos e Atrito Pericárdico Por Gustavo Amarante 1 Bulhas Acessórias (B3 e B4) A) Revisão do Ciclo Cardíaco e Posição das Bulhas Para entender as bulhas acessórias,

Leia mais

VENTILAÇÃO NÃO INVASIVA I. Lígia Maria Coscrato Junqueira Silva Fisioterapeuta HBP/SP

VENTILAÇÃO NÃO INVASIVA I. Lígia Maria Coscrato Junqueira Silva Fisioterapeuta HBP/SP VENTILAÇÃO NÃO INVASIVA I Lígia Maria Coscrato Junqueira Silva Fisioterapeuta HBP/SP INTERFACES * Máscaras Nasais * Plugs Nasais * Máscaras Faciais * Capacete * Peça Bucal VENTILADORES E MODOS USADOS NA

Leia mais

Diferentes modos para visualizar gravações no Software HMS Client

Diferentes modos para visualizar gravações no Software HMS Client Diferentes modos para visualizar gravações no Software HMS Client O Software HMS Client permite visualização de imagens de 3 maneiras diferentes: Imagens dos dispositivos (Mini Câmeras e NVRs) gravadas

Leia mais

Security Shop MRS. Media Relay System. Manual do Usuário

Security Shop MRS. Media Relay System. Manual do Usuário Página 1 de 20 Security Shop MRS Media Relay System Manual do Usuário Página 2 de 20 Conteúdos: Conteúdos:... 2 Figuras:... 3 1. Introdução... 4 1.1 Âmbito do Documento... 4 1.2 Terminologia... 4 2. GERAL...

Leia mais

Câmera CFTV Digital Sem Fio

Câmera CFTV Digital Sem Fio Câmera CFTV Digital Sem Fio Manual do Usuário Você acaba de adquirir um produto Leadership, testado e aprovado por diversos consumidores em todo Brasil. Neste manual estão contidas todas as informações

Leia mais

Virtual Welding. Treinamento do futuro

Virtual Welding. Treinamento do futuro Virtual Welding Treinamento do futuro Aprendizagem real via simulador 100% seguro Economia de recursos O pacote de sucesso GERAL O treinamento em soldagem tem agora um novo nome: Fronius Virtual Welding

Leia mais

Sistema de Navegação Aim nav

Sistema de Navegação Aim nav Sistema de Navegação Aim nav Tecnologia de ponta desde sua criação Redução do tempo cirúrgico, aumento da precisão e redução de riscos para o paciente. Com foco nos principais objetivos da neurocirurgia,

Leia mais

RESSUSCITA ÇÃO CÁ RDIO- PULMONA R-CEREBRAL (RCPC)

RESSUSCITA ÇÃO CÁ RDIO- PULMONA R-CEREBRAL (RCPC) RCPC EM MEDICINA VETERINÁRIA - Dois tipos de paciente Processos reversíveis (sobredose anestésica, estimulação vagal, obstrução respiratória, hemorragia, distúrbios eletrolíticos) RESSUSCITA ÇÃO CÁ RDIO-

Leia mais

Aparelho Cardiovascular

Aparelho Cardiovascular Aparelho Cardiovascular DOR TORÁCICA Angina IAM Dissecção Hidrotórax Pneumotórax TEP Pericardite Perfuração do esôfago ECG. Raio X Enzimas Cardíacas. Gasometria arterial se FR alta ou cianose Estável Instituir

Leia mais

Tabela de Honorários RESOLUÇÃO COFEN-301/2005

Tabela de Honorários RESOLUÇÃO COFEN-301/2005 Tabela de Honorários RESOLUÇÃO COFEN-301/2005 Atividades Administrativas 1. Consultoria I 2. Assessoria I 3. Auditoria I 4. Planejamento I 5. Supervisão I Livre negociação entre as partes a partir de 72,31

Leia mais

Guia do Usuário da Ferramenta de Instalação da Câmera Avigilon

Guia do Usuário da Ferramenta de Instalação da Câmera Avigilon Guia do Usuário da Ferramenta de Instalação da Câmera Avigilon Versão 4.10 PDF-CIT-D-Rev1_PT Copyright 2011 Avigilon. Todos os direitos reservados. As informações apresentadas estão sujeitas a modificação

Leia mais