2º CAMPEONATO MUNICIPAL DE MATRAQUILHOS. Normas de Funcionamento

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "2º CAMPEONATO MUNICIPAL DE MATRAQUILHOS. Normas de Funcionamento"

Transcrição

1 2º CAMPEONATO MUNICIPAL DE MATRAQUILHOS Normas de Funcionamento

2 Normas de Funcionamento Considerando a importância que a promoção da dinâmica desportiva assume no concelho, a Câmara Municipal da Lourinhã, através da Divisão de Intervenção Social e Cultural/Serviço de Desporto e Saúde, propõe-se, em parceria com as Associações Concelhias, realizar o 2º Campeonato Municipal de Matraquilhos. 1 ORGANIZAÇÃO 1.1 A Câmara Municipal da Lourinhã prestará apoio técnico à respetiva organização/associação, bem como apoio logístico e material. 1.2 Para que as equipas sejam integradas no Quadro Competitivo do Campeonato é necessário que cada associação manifeste esse interesse, respeite o exposto no presente documento e envie para a Câmara Municipal de Lourinhã D.I.S.C./ Serviço de Desporto e Saúde, o respetivo «Boletim de Inscrição em Provas». 1.3 O Campeonato Municipal de Matraquilhos será aberto a todas as equipas interessadas, podendo apenas participar e pontuar para o mesmo, associações / clubes sediados no concelho da Lourinhã. 1.4 As provas integradas no Quadro Competitivo deste Campeonato Municipal terão que ter, obrigatoriamente, início às 15:00h, excecionando-se, apenas, motivos de força maior, devidamente justificados, havendo, para o efeito, uma tolerância máxima de 10 minutos. 1.5 Só poderão aderir à organização de provas, as associações que possuam equipas em competição. 1.6 As associações que adiram à organização de provas e que não as realizem, sem justificação atendível, ficam inibidas de as organizar durante as duas (2) épocas seguintes. 2 - COMPETÊNCIA A organização deste Campeonato Municipal e, no que respeita à qualificação de jogadores, elaboração de calendários, homologação de resultados, classificações, julgamento de reclamações e aplicações de sanções 2º Torneio Municipal de Matraquilhos 2

3 disciplinares, é da responsabilidade do serviço de Desporto e Saúde da Câmara Municipal da Lourinhã. 3 - LOGÍSTICA E RECURSOS HUMANOS 3.1 A associação responsável pela organização da jornada fica obrigada a deslocar-se ao Serviço de Desporto e Saúde, para levantar todo o material logístico para o evento, até aos 2 dias úteis que antecedem a realização da jornada. 3.2 É da competência da associação disponibilizar o espaço para a colocação das mesas de jogo e assegurar as condições de segurança necessárias à realização do evento. 4 QUADRO COMPETITIVO 4.1 O sistema competitivo do Campeonato Municipal de Matraquilhos é composto pela fase regular (etapas) e pela fase final (Apuramento de Campeão). 4.2 O calendário anual terminará sempre com a realização da fase final, organizada pelo Serviço de Desporto e Saúde. 4.3 Cada jogo será constituído por 3 partidas disputadas num total de 9 bolas. 5 CLASSIFICAÇÕES E FORMAS DE DESEMPATE 5.1 O Critério de pontuação a atribuir em cada jogo é o seguinte: Vitória..3 Pontos Derrota 1 Ponto Falta de Comparência..0 Pontos 5.2 No final de cada etapa, a pontuação alcançada pelas equipas participantes nos diversos escalões, conta para a classificação coletiva final dos clubes. 5.3 Para efeitos de desempate da classificação final das equipas, consideram-se os seguintes aspectos: 2º Torneio Municipal de Matraquilhos 3

4 5.3.1 A maior diferença entre o número de golos marcados e o número de golos sofridos pelas equipas empatadas, em todos os jogos realizados na fase regular Maior número de vitórias obtidos durante a fase regular. 6 MARCAÇÃO DE JOGOS 6.1 A Câmara Municipal da Lourinhã comunicará, com a devida antecedência, a indicação dos locais e horas, dos jogos. 6.2 Entenda-se por devida antecedência o prazo mínimo de 48 horas, anterior à data marcada para os jogos. Nos casos em que seja necessário fazer a comunicação em tão curto prazo, esta será feita por , telefone ou fax diretamente para o responsável de cada associação. 6.3 A Câmara Municipal da Lourinhã poderá marcar jogos para horas diferentes das habituais. 6.4 Todos os jogos serão efetuados em mesas de matraquilhos que obedeçam às condições fixadas neste documento e serão sempre disputados de harmonia com as Regras de Jogo adotadas. 6.5 Se uma equipa faltar mais do que dois jogos do torneio (faltas de comparência) será excluída da competição e todos os seus resultados anteriores serão anulados. 6.6 Haverá uma tolerância máxima de 10 minutos, para o início do jogo, conforme definido no documento Regras de Jogo. 7 - SORTEIOS Os sorteios, para elaboração dos calendários dos jogos para as diversas fases, serão feitos nas instalações da Câmara Municipal da Lourinhã, podendo a eles assistir os delegados dos clubes, os representantes dos órgãos da comunicação social e o público em geral. 8 DIAS DOS JOGOS 2º Torneio Municipal de Matraquilhos 4

5 Os jogos de todos os escalões serão disputados, preferencialmente, aos domingos à tarde. 9 SISTEMA COMPETITIVO 9.1 O Campeonato Municipal de Matraquilhos adotará um sistema competitivo composto por duas fases, estando a sua organização dependente do número de equipas participantes em cada escalão, a saber: Fase Regular Esta fase é constituída por diversas etapas, nas quais se disputam os jogos entre as equipas participantes (por séries, ou no sistema todos contra todos ). Serão apuradas para a fase final, as 4, ou as 8 melhores equipas Fase Final Consiste no apuramento de campeão e será disputada no sistema de eliminatórias entre as melhores equipas da fase regular (quartos-de-final, meias-finais e final) ESCALÕES Os escalões para a época 2013/2014, são os seguintes: Jovem Nascidos entre 1997 e 2001 (inclusive) Femininos Nascidos até 1999 (inclusive) Seniores Nascidos entre 1979 e 1996 (inclusive) Veteranos Nascidos até 1978 (inclusive) Misto Nascidos entre 1979 e INSCRIÇÕES 11.1 Todas as associações, clubes e atletas que queiram pontuar para o Campeonato, devem entregar a sua Ficha de Inscrição devidamente preenchida, à qual deverão anexar a fotocópia do B.I./C.C., de cada atleta, no Serviço de Desporto e Saúde, via fax , ou Cada clube poderá inscrever, no máximo, 2 equipas por escalão; 2º Torneio Municipal de Matraquilhos 5

6 11.3 Se um clube inscrever duas equipas no mesmo escalão, essas equipas ficarão, obrigatoriamente, em séries diferentes, exceto se só houver uma série e, nestes casos, as equipas iniciam a prova a jogar entre si Cada equipa pode inscrever até ao máximo de 4 jogadores, sendo obrigatório possuir o número mínimo de 2 jogadores para poder participar Não é permitido a um atleta inscrever-se num escalão que não seja o seu, nem mudar de escalão em plena época desportiva; 11.6 Todos os atletas têm de estar inscritos até à 4ª feira que antecede a realização de cada jornada da fase regular; 11.7 Não serão aceites inscrições de atletas de última hora (no dia dos jogos) e após a realização da fase regular; 11.8 O Serviço de Desporto e Saúde facultará, em cada jornada, uma relação atualizada dos atletas inscritos; 12 BOLAS DE JOGO 12.1 Compete à equipa visitada fornecer as moedas necessárias ao fornecimento das bolas para a primeira e terceira partida de cada jogo Finda a primeira partida, será a vez da equipa visitante disponibilizar a moeda seguinte. 13 OUTRAS DISPOSIÇÕES 13.1 Os boletins de jogo serão entregues pelo clube visitado, obrigatoriamente, no Serviço de Desporto e Saúde, até à 3ª Feira seguinte à realização do jogo A Câmara Municipal da Lourinhã reserva-se o direito de alterar, no decurso do Campeonato Municipal de Matraquilhos, qualquer artigo que julgue necessário para o bom desenrolar do mesmo. 2º Torneio Municipal de Matraquilhos 6

7 14 CASOS OMISSOS Todos os casos omissos serão decididos pela Câmara Municipal da Lourinhã, tendo em conta o exposto no presente documento, não havendo lugar a qualquer direito de recurso sobre a tomada de decisão. APELO AO DESPORTIVISMO Recusar ganhar através de meios ilegais e violentos é amar o desporto Para o desporto ser festivo, respeitar as regras é preciso! Competir sem respeito, não é desporto perfeito! O bom desportista deve saber dominar as suas emoções! FAIR PLAY Depois das equipas se colocarem na mesa de jogo, deverão cumprimentar-se antes do início do jogo, adotando o mesmo procedimento no final do encontro. 2º Torneio Municipal de Matraquilhos 7

5º CAMPEONATO MUNICIPAL DE MATRAQUILHOS. Normas de Funcionamento

5º CAMPEONATO MUNICIPAL DE MATRAQUILHOS. Normas de Funcionamento 5º CAMPEONATO MUNICIPAL DE MATRAQUILHOS Normas de Funcionamento Normas de Funcionamento Considerando a importância que a promoção da dinâmica desportiva assume no concelho, a Câmara Municipal da Lourinhã,

Leia mais

Câmara Municipal de Montemor-o-Velho. Unidade de Desporto XVII TORNEIO DE FUTEBOL JUVENIL 2014 REGULAMENTO

Câmara Municipal de Montemor-o-Velho. Unidade de Desporto XVII TORNEIO DE FUTEBOL JUVENIL 2014 REGULAMENTO Câmara Municipal de Montemor-o-Velho Unidade de Desporto XVII TORNEIO DE FUTEBOL JUVENIL 2014 REGULAMENTO Montemor-o-Velho, Maio de 2014 Índice REGULAMENTO... 3 1. ORGANIZAÇÃO... 3 2. DESTINATÁRIOS/ESCALÕES

Leia mais

Feminino 2ª Divisão 2010_11. FASE FINAL APURADOS (1º ao 6º LUGAR) REGULAMENTO DA COMPETIÇÃO

Feminino 2ª Divisão 2010_11. FASE FINAL APURADOS (1º ao 6º LUGAR) REGULAMENTO DA COMPETIÇÃO Campeonato Nacional Feminino 2ª Divisão 2010_11 FASE FINAL APURADOS (1º ao 6º LUGAR) REGULAMENTO DA COMPETIÇÃO A. Clubes Apurados B. Modelo Competitivo C. Marcação de Jogos D. Arbitragem E. Inscrição das

Leia mais

CAMPEONATOS NACIONAIS DE EQUIPAS 2014 / 2015. - Este Campeonato será disputado por 10 (dez) equipas incluídas numa Zona Única.

CAMPEONATOS NACIONAIS DE EQUIPAS 2014 / 2015. - Este Campeonato será disputado por 10 (dez) equipas incluídas numa Zona Única. CAMPEONATOS NACIONAIS DE EQUIPAS 2014 / 2015 I DIVISÃO - SENIORES MASCULINOS - Este Campeonato será disputado por 10 (dez) equipas incluídas numa Zona Única. - O Campeonato compreenderá duas fases distintas:

Leia mais

Artigo 1.º (Regime Supletivo) Ao Torneio Inter-Regional de Sevens Feminino aplicam-se as normas do Regulamento Geral de Competições em tudo o que não

Artigo 1.º (Regime Supletivo) Ao Torneio Inter-Regional de Sevens Feminino aplicam-se as normas do Regulamento Geral de Competições em tudo o que não REGULAMENTO DO TORNEIO INTER-REGIONAL DE SEVENS FEMININO 2014/2015 Artigo 1.º (Regime Supletivo) Ao Torneio Inter-Regional de Sevens Feminino aplicam-se as normas do Regulamento Geral de Competições em

Leia mais

REGULAMENTO DE PROVA CAMPEONATO NACIONAL DAS ASSOCIAÇOES MATRAQUILHOS E FUTEBOL DE MESA FEDERAÇÃO PORTUGUESA

REGULAMENTO DE PROVA CAMPEONATO NACIONAL DAS ASSOCIAÇOES MATRAQUILHOS E FUTEBOL DE MESA FEDERAÇÃO PORTUGUESA FEDERAÇÃO PORTUGUESA MATRAQUILHOS E FUTEBOL DE MESA FUNDADA EM 0 DE FEVEREIRO DE 200 FILIADA NA ITSF - INTERNATIONAL TABLE SOCCER FEDERATION SEDE OFICIAL AV. ENG.º ARMANDO MAGALHAES, 31 4440-505 VALONGO

Leia mais

1ª Liga de Futsal 2014/2015

1ª Liga de Futsal 2014/2015 1ª Liga de Futsal 2014/2015 Patrono RICARDINHO 1 I Liga Futsal 2014/2015 Regulamento Equipas Artigo 1º Esta liga de futsal encontra-se aberta a equipas de empresas devidamente certificadas, podendo ser

Leia mais

FUTSAL INTER CURSOS 2013/14 REGULAMENTO GERAL DA PROVA

FUTSAL INTER CURSOS 2013/14 REGULAMENTO GERAL DA PROVA INTER CURSOS 2013/14 REGULAMENTO GERAL DA PROVA 1 MODELO COMPETITIVO DO INTER CURSOS 1.1 ESTA COMPETIÇÃO SERÁ DISPUTADA ENTRE 35 EQUIPAS, DISTRIBUIDAS 12 PELA PRIMEIRA DIVISÃO, E DOIS GRUPOS NA SEGUNDA

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE FUTSAL XIRA 2016

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE FUTSAL XIRA 2016 REGULAMENTO ESPECÍFICO DE FUTSAL XIRA 2016 ÍNDICE INTRODUÇÃO... 3 ESCALÕES ETÁRIOS, TEMPO DE JOGO E BOLA... 4 2.1. ESCALÕES ETÁRIOS... 4 2.2. DURAÇÃO DOS JOGOS... 4 2.3. A BOLA... 4 REGULAMENTO DO ESCALÃO

Leia mais

REGULAMENTO DO 1º TORNEIO DE FUTSAL MOSAICO DE PAISAGENS 2013

REGULAMENTO DO 1º TORNEIO DE FUTSAL MOSAICO DE PAISAGENS 2013 REGULAMENTO DO 1º TORNEIO DE FUTSAL MOSAICO DE PAISAGENS 2013 1. INTRODUÇÃO O 1º Torneio de Futsal Mosaico de Paisagens 2013, organizado pelo Município de Caminha, será disputado por um total máximo de

Leia mais

REGULAMENTO DO CAMPEONATO NACIONAL GIRA-PRAIA (SUB. 16,18 e 20)

REGULAMENTO DO CAMPEONATO NACIONAL GIRA-PRAIA (SUB. 16,18 e 20) REGULAMENTO DO CAMPEONATO NACIONAL GIRA-PRAIA (SUB. 16,18 e 20) I DISPOSIÇÔES GERAIS ARTIGO 1º O Campeonato Nacional Gira-Praia é uma competição de Voleibol de Praia de âmbito nacional, organizada pela

Leia mais

REGULAMENTO DO CAMPEONATO NACIONAL DE GIRA-PRAIA DE SUB. 16,18 e 20-2014

REGULAMENTO DO CAMPEONATO NACIONAL DE GIRA-PRAIA DE SUB. 16,18 e 20-2014 REGULAMENTO DO CAMPEONATO NACIONAL DE GIRA-PRAIA DE SUB. 16,18 e 20-2014 ARTIGO 1º O Campeonato Nacional de Gira- Praia de Subs é uma competição de Voleibol de Praia de âmbito nacional, organizada pela

Leia mais

1.3 - A primeira jornada da liga, será sorteada numa reunião, em que a organização espera ter presentes, os representantes de todas as equipas.

1.3 - A primeira jornada da liga, será sorteada numa reunião, em que a organização espera ter presentes, os representantes de todas as equipas. Regulamento DISPOSIÇÕES GERAIS a) A Liga FutsalSport não se responsabiliza por acidentes extradesportivos, sejam eles de que natureza for, que venham a ocorrer antes e depois dos jogos. b) Em todos os

Leia mais

CÂMARA MUNICPAL DO NORDESTE GABINETE DO DESPORTO TORNEIO DE FUTSAL INTER-FREGUESIAS DO NORDESTE 2015

CÂMARA MUNICPAL DO NORDESTE GABINETE DO DESPORTO TORNEIO DE FUTSAL INTER-FREGUESIAS DO NORDESTE 2015 CÂMARA MUNICPAL DO NORDESTE I.INTRODUÇÃO Com a organização do Torneio de Futsal Inter-Freguesias do Nordeste 2015, o gabinete do Desporto pretende proporcionar à população concelhia um espaço privilegiado

Leia mais

Paralisia Cerebral- Associação Nacional de Desporto

Paralisia Cerebral- Associação Nacional de Desporto B O C C I A REGULAMENTAÇÃO GERAL NACIONAL 2008/2009 1 INTRODUÇÃO Todos os intervenientes em competições de zona e nacionais, acções de formação e classificação médico - desportiva, deverão reger-se pelos

Leia mais

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TÉNIS DE MESA Departamento de Lazer e Desporto para Todos NORMAS ESPECÍFICAS

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TÉNIS DE MESA Departamento de Lazer e Desporto para Todos NORMAS ESPECÍFICAS NORMAS ESPECÍFICAS As normas específicas são regras estabelecidas pela F.P.T.M.- Departamento de Lazer e Desporto para Todos, para as provas por ela organizadas. As normas específicas aplicam-se a todos

Leia mais

XII TORNEIO 24 HORAS FUTSAL INTER-BOMBEIROS

XII TORNEIO 24 HORAS FUTSAL INTER-BOMBEIROS XII TORNEIO 24 HORAS FUTSAL INTER-BOMBEIROS Regulamento Base 1. FINALIDADE É do interesse deste Corpo de Bombeiros fomentar a prática desportiva por parte dos bombeiros e outros agentes de proteção civil,

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DE TÉNIS DE MESA DO PORTO www.atmporto.com

ASSOCIAÇÃO DE TÉNIS DE MESA DO PORTO www.atmporto.com COMUNICADO NRº 01 ÉPOCA 2015/2016 DATA 01/08/15 1 - ABERTURA DA ÉPOCA 2015/2016 2 - INSCRIÇÕES 3 - ESCALÕES ETÁRIOS OFICIAIS 4 - FILIAÇÃO DO CLUBE NA ATM PORTO 5 - SEGURO DESPORTIVO 6 - INSCRIÇÕES DE ATLETAS

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DE SETAS DE LISBOA REGULAMENTO 2012-2013 DARDOS ELECTRÓNICOS

ASSOCIAÇÃO DE SETAS DE LISBOA REGULAMENTO 2012-2013 DARDOS ELECTRÓNICOS ASSOCIAÇÃO DE SETAS DE LISBOA REGULAMENTO 2012-2013 DARDOS ELECTRÓNICOS REGULAMENTO 2012-2013 Ponto 1. Máquinas e distância de jogo Nas competições de dardos eletrónicos da Associação de Setas de Lisboa

Leia mais

PÓLO AQUÁTICO. associação de natação de lisboa. Regulamentos Específicos

PÓLO AQUÁTICO. associação de natação de lisboa. Regulamentos Específicos PÓLO AQUÁTICO Regulamentos Específicos Época 2015/2016 TORNEIO DE ABERTURA DE ABSOLUTOS MASCULINOS A divulgar em circular. 2. PARTICIPAÇÃO Podem participar os jogadores do género masculino com idade mínima

Leia mais

3º TORNEIO PATRICIUS GRANDE ESCOLHA 2015

3º TORNEIO PATRICIUS GRANDE ESCOLHA 2015 3º TORNEIO PATRICIUS GRANDE ESCOLHA 2015 - ARTIGO 1 O 3º Torneio PATRICIUS GRANDE ESCOLHA realiza-se no Campo de 5 situado no Parque da Cidade do Porto. - ARTIGO 2 Estrutura - 1ª Fase: Um Grupo de oito

Leia mais

FUTSAL. www.inatel.pt

FUTSAL. www.inatel.pt NORMAS ESPECIFICAS FUTSAL www.inatel.pt FUTSAL NORMAS ESPECIFICAS As normas específicas são regras estabelecidas pela Direção Desportiva, em complemento do Código Desportivo, para as provas organizadas

Leia mais

TORNEIO DE SUECA. CAFÉ CLASSIC Regulamento

TORNEIO DE SUECA. CAFÉ CLASSIC Regulamento TORNEIO DE SUECA CAFÉ CLASSIC Regulamento Torneio de sueca 1º O torneio será em forma de grupos. 2º Exemplo: podendo ser alteradas o número de equipas apuradas, dependendo das equipas inscritas! Grupo

Leia mais

Associação Nacional de Desporto para Deficientes Visuais. Campeonato Juvenil de Goalball REGULAMENTO

Associação Nacional de Desporto para Deficientes Visuais. Campeonato Juvenil de Goalball REGULAMENTO Associação Nacional de Desporto para Deficientes Visuais Campeonato Juvenil de Goalball REGULAMENTO Preâmbulo O Goalball é uma modalidade desportiva coletiva, originariamente concebida para pessoas com

Leia mais

FUTEBOL. www.inatel.pt

FUTEBOL. www.inatel.pt NORMAS ESPECIFICAS FUTEBOL www.inatel.pt FUTEBOL NORMAS ESPECIFICAS As normas específicas são regras estabelecidas pela Direção Desportiva, em complemento do Código Desportivo, para as provas organizadas

Leia mais

CLUB INTERNACIONAL DE FOOT-BALL

CLUB INTERNACIONAL DE FOOT-BALL REGULAMENTO GERAL DE PROVAS de Futebol 11 (categoria sénior) Capítulo I - Da realização dos torneios e jogos Capítulo II - Das inscrições Capítulo III - Da disciplina Capítulo IV - Da representação das

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE TÉNIS XIRA 2015

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE TÉNIS XIRA 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO DE TÉNIS XIRA 2015 ÍNDICE INTRODUÇÃO... 3 INSCRIÇÕES... 4 DATAS E LOCAIS DOS ENCONTROS 4 ESCALÕES ETÁRIOS/DURAÇÃO DE JOGO... 4 CONSTITUIÇÃO DA EQUIPA... Erro! Marcador não definido.

Leia mais

ÍNDICE. I. DISPOSIÇÕES INICIAIS Artigo 1º - Âmbito

ÍNDICE. I. DISPOSIÇÕES INICIAIS Artigo 1º - Âmbito ÍNDICE I. DISPOSIÇÕES INICIAIS Artigo 1º - Âmbito II. ORGANIZAÇÃO DE PROVAS Artigo 2º - Modelo Competitivo Artigo 3º - Sistema Competitivo Artigo 4º - Ordem dos Jogos Artigo 5º - Duração dos Jogos Artigo

Leia mais

Regulamento Interno Liga Futsal AEISCSN 2010/2011

Regulamento Interno Liga Futsal AEISCSN 2010/2011 1 ÍNDICE I. DISPOSIÇÕES INICIAIS Artigo 1º - Organização e direcção do torneio II. ORGANIZAÇÃO DA PROVA Artigo 2º - Modelo Competitivo Artigo 3º - Pontuação de Jogo Artigo 4º - Critérios de Desempate Artigo

Leia mais

CAMPEONATO DE FUTSAL MACEIÓ 200 ANOS REGULAMENTO DE FUTSAL

CAMPEONATO DE FUTSAL MACEIÓ 200 ANOS REGULAMENTO DE FUTSAL CAMPEONATO DE FUTSAL MACEIÓ 200 ANOS REGULAMENTO DE FUTSAL 1. Os jogos de Futsal serão realizados de acordo com as Regras Oficiais, salvo o estabelecido neste Regulamento. 2. Cada equipe poderá inscrever

Leia mais

REGULAMENTO BASQUETE 2009

REGULAMENTO BASQUETE 2009 REGULAMENTO BASQUETE 2009 Organização: Fórum das Associações dos Servidores das Agências Reguladoras Patrocínio: DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES REGULAMENTO BASQUETE - 2009 Art.01 - Este regulamento é o conjunto

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO FUTSAL. (Revisto em setembro 2015)

REGULAMENTO ESPECÍFICO FUTSAL. (Revisto em setembro 2015) REGULAMENTO ESPECÍFICO FUTSAL 2013 2017 (Revisto em setembro 2015) Índice 1. Introdução 2 2. Escalões Etários, tempo de jogo e variantes da modalidade 3 2.1. Escalões Etários 3 2.2. Tempo de Jogo e variantes

Leia mais

REGULAMENTO do TORNEIO

REGULAMENTO do TORNEIO REGULAMENTO do TORNEIO As regras de jogo aplicadas no Maia Handball Cup 2014 são as que estão em vigor na Federação de Andebol de Portugal que, por sua vez, baseia a sua lei na IHF. No entanto, ficam estabelecidas

Leia mais

REGULAMENTO ESPECIFICO DE PROVAS OFICIAIS DE POLO-AQUATICO 2015/2016 INDICE... 2 PO1 CAMPEONATO NACIONAL DA 1.ª DIVISÃO MASCULINOS...

REGULAMENTO ESPECIFICO DE PROVAS OFICIAIS DE POLO-AQUATICO 2015/2016 INDICE... 2 PO1 CAMPEONATO NACIONAL DA 1.ª DIVISÃO MASCULINOS... REGULAMENTO ESPECÍFICO DE PROVAS OFICIAIS 2015/2016 INDICE INDICE... 2 PO1 CAMPEONATO NACIONAL DA 1.ª DIVISÃO MASCULINOS... 5 1 PRÉMIOS... 5... 5... 5 PO2 CAMPEONATO NACIONAL DA 2.ª DIVISÃO MASCULINOS...

Leia mais

REGULAMENTO DESPORTIVO

REGULAMENTO DESPORTIVO TORNEIO DE FUTEBOL INFANTIL JOSÉ TORRES AMADORA 2014 FUTEBOL 7 INFANTIS COMPLEXO DESPORTIVO MUNICIPAL DO MONTE DA GALEGA 4 e 5 de outubro de 2014 REGULAMENTO DESPORTIVO 01 Regras 02 Escalão etário 03 Equipas

Leia mais

XXV Campeonato Brasileiro Interfederativo Infanto- Juvenil Troféu Chico Piscina

XXV Campeonato Brasileiro Interfederativo Infanto- Juvenil Troféu Chico Piscina REGULAMENTOS XXV Campeonato Brasileiro Interfederativo Infanto- Juvenil Troféu Chico Piscina CAPÍTULO I DAS FINALIDADES Art. 1º - Com a participação das Federações filiadas à Confederação Brasileira de

Leia mais

Campeonato Regional de Ténis 2009 Iniciados e Juvenis CLUBE DE TÉNIS DO ESTORIL

Campeonato Regional de Ténis 2009 Iniciados e Juvenis CLUBE DE TÉNIS DO ESTORIL 1 Introdução DOCUMENTO ORIENTADOR O Campeonato Regional de Ténis enquadra-se num conjunto de Campeonatos Regionais da responsabilidade da Direcção Regional de Educação de Lisboa e Vale do Tejo. O presente

Leia mais

NORMATIVO DA LIGA MUNICIPAL DE FUTSAL DA MAIA

NORMATIVO DA LIGA MUNICIPAL DE FUTSAL DA MAIA NORMATIVO DA LIGA MUNICIPAL DE FUTSAL DA MAIA PELOURO DO DESPORTO DEPARTAMENTO DE DESPORTO Aprovado por: 11/11/2015 Página 1/7 Praça do Doutor José Vieira de Carvalho 4474-006 Maia Tel. 229 408 600 Fax

Leia mais

REGULAMENTO DE FUTSAL

REGULAMENTO DE FUTSAL REGULAMENTO DE FUTSAL Capítulo I DAS FINALIDADES Art. 1º O campeonato de futsal masculino, é promovido como uma das modalidades dos VI JOGOS NACIONAIS DA MAGISTRATURA, promovido e organizado pela AMB Associação

Leia mais

Calendários e Regulamentos das Competições Federativas Nacionais 2015. Pesagens (horário provisório) 07/02 Sábado VIII Supertaça Fernando Gaspar 15:00

Calendários e Regulamentos das Competições Federativas Nacionais 2015. Pesagens (horário provisório) 07/02 Sábado VIII Supertaça Fernando Gaspar 15:00 Calendários e Regulamentos das Competições Federativas Nacionais 2015 1. Calendário Federativo Nacional Data Dia da Semana Evento Pesagens (horário provisório) 07/02 Sábado VIII Supertaça Fernando Gaspar

Leia mais

Torneio de Futsal Inter-Associações de Mortágua

Torneio de Futsal Inter-Associações de Mortágua CÂMARA MUNICIPALL DE MORTTÁGUA TORNEIO DE FUTSAL DE 2015 INTER-ASSOCIAÇÕES DE MORTÁGUA TORNEIO DE FUTSAL INTER-ASSOCIAÇÕES 2015 1º ORGANIZAÇÃO 1- O Município de Mortágua será responsável pela estruturação

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO FUTSAL 2013-2017

REGULAMENTO ESPECÍFICO FUTSAL 2013-2017 REGULAMENTO ESPECÍFICO FUTSAL 2013-2017 Índice 1. Introdução 2 2. Escalões Etários, tempo de jogo e variantes da modalidade 2 2.1. Escalões Etários 3 2.2. Tempo de Jogo e variantes da modalidade 3 2.3.

Leia mais

REGULAMENTO DO CAMPEONATO NACIONAL MASTER DE ÁGUAS ABERTAS II CAMPEONATO NACIONAL MASTER DE ÁGUAS ABERTAS

REGULAMENTO DO CAMPEONATO NACIONAL MASTER DE ÁGUAS ABERTAS II CAMPEONATO NACIONAL MASTER DE ÁGUAS ABERTAS REGULAMENTO DO CAMPEONATO NACIONAL MASTER DE ÁGUAS ABERTAS 2009 FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE NATAÇÃO / CÂMARA MUNICIPAL DE SETÚBAL 0 1. ÂMBITO O II Campeonato Nacional Masters de Águas Abertas atribuirá o título

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE FUTSAL

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE FUTSAL REGULAMENTO ESPECÍFICO DE FUTSAL 2007 2008 e 2008-2009 ÍNDICE INTRODUÇÃO.. 3 1. CONSTITUIÇÃO / IDENTIFICAÇÃO DAS EQUIPAS... 4 2. DURAÇÃO DOS JOGOS... 5 3. A BOLA.. 6 4. CLASSIFICAÇÃO / PONTUAÇÃO.... 6

Leia mais

Associação Nacional de Desporto para Deficientes Visuais XIX CAMPEONATO DE GOALBALL DE PORTUGAL REGULAMENTO

Associação Nacional de Desporto para Deficientes Visuais XIX CAMPEONATO DE GOALBALL DE PORTUGAL REGULAMENTO Associação Nacional de Desporto para Deficientes Visuais XIX CAMPEONATO DE GOALBALL DE PORTUGAL REGULAMENTO Preâmbulo O Goalball é uma modalidade desportiva coletiva, originariamente concebida para a prática

Leia mais

REGULAMENTO JIU-JITSU

REGULAMENTO JIU-JITSU DATA/ LOCAL/ HORÁRIO Data: 16 de maio (DOMINGO) LIGA UNIVERSITÁRIA PAULISTA REGULAMENTO JIU-JITSU Local: Clube Escola Mooca Rua Taquari, 635 (EM FRENTE A UNIVERSIDADE SÃO JUDAS) Bairro Mooca São Paulo

Leia mais

CIRCUITO REGIONAL GIRA PRAIA

CIRCUITO REGIONAL GIRA PRAIA Associação de Voleibol do ALENTEJO e ALGARVE 2015 = REGULAMENTO = Artigo 1º Enquadramento da prova e dos atletas participantes 1 O Circuito Regional de Gira Praia é uma competição regional organizada em

Leia mais

Convite. Grupo Desportivo ecultural Actuais e Antigos Alunos

Convite. Grupo Desportivo ecultural Actuais e Antigos Alunos Grupo Desportivo ecultural Actuais e Antigos Alunos A.A. e Alunos Guilhabreu Contribuinte 503635758 G.P.S. N 41.292939 W 8.635334 Rua Senhora do Amparo, 4485-266 Guilhabreu, Vila do Conde Convite O Grupo

Leia mais

LIGA REGIONAL 2016 / REGULAMENTO

LIGA REGIONAL 2016 / REGULAMENTO LIGA REGIONAL 2016 / REGULAMENTO 1-CALENDÁRIO: DATA INSC. INÍCIO TÉRMINO TORNEIO E CIDADE ATÉ 06/01 16/01 à 06/02 TÊNIS CLUBE DE SOROCABA ATÉ 03/02 13/02 à 13/03 ST/RICARDO MIRANDA/CERQUILHO ATÉ 09/03

Leia mais

Federação Portuguesa de Minigolfe UPD REGULAMENTO GERAL DE PROVAS. Aprovado na Assembleia Geral de 2013-12-07

Federação Portuguesa de Minigolfe UPD REGULAMENTO GERAL DE PROVAS. Aprovado na Assembleia Geral de 2013-12-07 Federação Portuguesa de Minigolfe UPD REGULAMENTO GERAL DE PROVAS Aprovado na Assembleia Geral de 2013-12-07 REGULAMENTO GERAL DE PROVAS DESPORTIVAS 1. PROVAS FEDERATIVAS 1.1. São consideras Provas Federativas

Leia mais

Regulamento Liga Futsal AEFEUP 2014/2015. Regulamento da Liga Futsal AEFEUP 2014/2015 1

Regulamento Liga Futsal AEFEUP 2014/2015. Regulamento da Liga Futsal AEFEUP 2014/2015 1 Regulamento da Liga Futsal AEFEUP 2014/2015 1 Regulamento Liga Futsal AEFEUP 2014/2015 Regulamento da Liga Futsal AEFEUP 2014/2015 2 Índice Índice...2 Artigo 1.º - Inscrições...3 Artigo 2.º - Formato da

Leia mais

Seletiva Estadual Universitária de RUGBY SEVEN

Seletiva Estadual Universitária de RUGBY SEVEN Seletiva Estadual Universitária de RUGBY SEVEN LOCAL/ DATA/ HORÁRIO Local: Campo Federação Paulista de Rugby Parque Esportivo do Trabalhador (Antigo CERET) Rua Canuto de Abreu, s/número - Tatuapé Data:

Leia mais

TAÇA CIDADE SÃO JOSÉ DE FUTSAL 2014 REGULAMENTO GERAL I - DA ORGANIZÇÃO E DIREÇÃO

TAÇA CIDADE SÃO JOSÉ DE FUTSAL 2014 REGULAMENTO GERAL I - DA ORGANIZÇÃO E DIREÇÃO TAÇA CIDADE SÃO JOSÉ DE FUTSAL 2014 REGULAMENTO GERAL I - DA ORGANIZÇÃO E DIREÇÃO Art. 1º - A organização da Taça Cidade São José de Futsal é de inteira responsabilidade da Prefeitura Municipal de São

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DE ATLETISMO DE S. MIGUEL

ASSOCIAÇÃO DE ATLETISMO DE S. MIGUEL ASSOCIAÇÃO DE ATLETISMO DE S. MIGUEL Instituição de Utilidade Pública Pessoa Colectiva n.º 512019673 Fundada em 26.03.86 Filiada na Federação Portuguesa Atletismo RUA PINTOR DOMINGOS REBELO N.º 4 TELEFONE

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE BASEBOL / SOFTBOL TAÇA JORNAL BASEBOL - DESPORTO ESCOLAR COIMBRA

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE BASEBOL / SOFTBOL TAÇA JORNAL BASEBOL - DESPORTO ESCOLAR COIMBRA REGULAMENTO ESPECÍFICO DE BASEBOL / SOFTBOL TAÇA JORNAL BASEBOL - DESPORTO ESCOLAR COIMBRA 2006-2007 DESPORTO ESCOLAR ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO...3 2. ESCALÕES ETÁRIOS/ BOLA DE JOGO...4 3. CONSTITUIÇÃO DA EQUIPA...4

Leia mais

APURAMENTO CAMPEÃO AFH JUNIORES A FUTSAL

APURAMENTO CAMPEÃO AFH JUNIORES A FUTSAL Rua Cônsul Dabney 9900-014 Horta APURAMENTO CAMPEÃO AFH JUNIORES A FUTSAL DATA: 06 e 07 de fevereiro de 2015 LOCAL: Pavilhão das Lajes das Flores / Lajes das Flores / Flores Página Net : www.afhorta.com

Leia mais

CAMPEONATO NACIONAL TRIAL BIKE 2015

CAMPEONATO NACIONAL TRIAL BIKE 2015 CAMPEONATO NACIONAL TRIAL BIKE 2015 Atualizado a 09/09/2015 1- INTRODUÇÃO 1.1- O Campeonato Nacional de Trial Bike é propriedade exclusiva da UVP/Federação Portuguesa de Ciclismo e consta de uma prova

Leia mais

NORMAS ESPECÍFICAS. Taça Fundação INATEL

NORMAS ESPECÍFICAS. Taça Fundação INATEL NORMAS ESPECÍFICAS Taça Fundação INATEL FUTEBOL - ÉPOCA 2009-2010 Taça Fundação INATEL NORMAS ESPECÍFICAS As normas específicas são regras estabelecidas pela Direcção Desportiva, em complemento do Código

Leia mais

REGULAMENTO TÉCNICO CAPÍTULO 1 DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS

REGULAMENTO TÉCNICO CAPÍTULO 1 DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS REGULAMENTO TÉCNICO CAPÍTULO 1 DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS Artigo 1º. Este regulamento é o documento composto conjunto das disposições que regem a Campeonato Brasileiro de Handebol dos Surdos 2015, nas categorias

Leia mais

REGULAMENTO. 1. O Circuito Padel Portugal, é composto por eventos constantes do Calendário Oficial de Provas da Federação Portuguesa de Ténis.

REGULAMENTO. 1. O Circuito Padel Portugal, é composto por eventos constantes do Calendário Oficial de Provas da Federação Portuguesa de Ténis. Regulamento CIRCUITO PADEL PORTUGAL 2014 REGULAMENTO 1. O Circuito Padel Portugal, é composto por eventos constantes do Calendário Oficial de Provas da Federação Portuguesa de Ténis. 2. O Circuito Padel

Leia mais

CAMPEONATO ESTADUAL INFANTIL A SENIOR DE NATAÇÃO - 2012

CAMPEONATO ESTADUAL INFANTIL A SENIOR DE NATAÇÃO - 2012 FEDERAÇÃO AQUÁTICA NORTERIOGRANDENSE www.fanrn.com.br - aquaticarn@gmail.com Fone: 84-32018008 CAMPEONATO ESTADUAL INFANTIL A SENIOR DE NATAÇÃO - 2012 REGULAMENTO Art. 1º - O Campeonato Estadual Infantil

Leia mais

REGULAMENTO DE XADREZ

REGULAMENTO DE XADREZ SINDICATO DOS BANCÁRIOS DO SUL E ILHAS PELOURO DE TEMPOS LIVRES REGULAMENTO DE XADREZ SBSI - Abril de 2013 2 PRIMEIRA PARTE DISPOSIÇÕES GERAIS ARTIGO 1.º (Âmbito de aplicação) O presente Regulamento refere-se

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DO JICOF JOGOS INTERNOS DO COLÉGIO FRACTAL

REGULAMENTO GERAL DO JICOF JOGOS INTERNOS DO COLÉGIO FRACTAL REGULAMENTO GERAL DO JICOF JOGOS INTERNOS DO COLÉGIO FRACTAL CAPÍTULO I DAS FINALIDADES Os jogos internos do COLÉGIO FRACTAL (JICOF) têm por finalidade principal humanizar a prática desportiva, valorizando

Leia mais

REGULAMENTO D0 II CAMPEONATO MINEIRO DE RUGBY SEVEN FEMININO 2012

REGULAMENTO D0 II CAMPEONATO MINEIRO DE RUGBY SEVEN FEMININO 2012 REGULAMENTO D0 II CAMPEONATO MINEIRO DE RUGBY SEVEN FEMININO 2012 1 - Disposições Gerais Todas as partidas serão disputadas de acordo com as Leis do jogo em vigor conforme estipulado pelo IRB. Se surgirem

Leia mais

REGULAMENTO GERAL GEACSB 2015

REGULAMENTO GERAL GEACSB 2015 REGULAMENTO GERAL GEACSB 2015 PARTE GERAL Art. 1º - Denomina-se Grêmio de Ex-Alunos do Colégio de São Bento ( GEACSB ) o campeonato de futebol society organizado pela ALUMNI CSB-RJ e realizado anualmente

Leia mais

COPA MERCOSUL DE XADREZ ESCOLAR 2011

COPA MERCOSUL DE XADREZ ESCOLAR 2011 COPA MERCOSUL DE XADREZ ESCOLAR 2011 Apoio: III COPA MERCOSUL DE XADREZ ESCOLAR 2011 BICENTENÁRIO DO PARAGUAI CAMPEONATOS DE XADREZ RÁPIDO - 30 minutos FEMININO E ABSOLUTO CATEGORIAS SUB-8, SUB 10, SUB

Leia mais

3º TORNEIO DE FUTSAL CDL CANOAS

3º TORNEIO DE FUTSAL CDL CANOAS 3º TORNEIO DE FUTSAL CDL CANOAS REGULAMENTO GERAL Capítulo 1 Comissão disciplinar e organizadora: O Evento será coordenado pela CDL e pela CDL Jovem Canoas, com as seguintes atribuições: a) Tomar as providências

Leia mais

2ª CORRIDA/CAMINHADA SOLIDÁRIA INTERNACIONAL HELPO. 07 DE OUTUBRO DE 2012 10h00/11h30

2ª CORRIDA/CAMINHADA SOLIDÁRIA INTERNACIONAL HELPO. 07 DE OUTUBRO DE 2012 10h00/11h30 2ª CORRIDA/CAMINHADA SOLIDÁRIA INTERNACIONAL HELPO 07 DE OUTUBRO DE 2012 10h00/11h30 REGULAMENTO 1. ORGANIZAÇÃO E DATA Autorizado 12/09/2012 Numa Organização da Associação Helpo, com o apoio da Braga CEJ,

Leia mais

SÁBADO, 27 JUNHO 2015

SÁBADO, 27 JUNHO 2015 1 1. ENQUADRAMENTO No âmbito da realização na cidade de Setúbal, da FINA 10 km Marathon Swimming World Cup - Setúbal 2015, competição integrada na Taça do Mundo de Águas Abertas FINA 2015, a Federação

Leia mais

Apoios e Subsídios 2014/2015

Apoios e Subsídios 2014/2015 Apoios e Subsídios 2014/2015 Notas prévias: Apenas serão apoiados e subsidiados os atletas e equipas vinculados a clubes que tenham a sua situação financeira regularizada perante a FPB; As equipas e atletas

Leia mais

CABO FRIO VOLEI MASTER 2015 CIDADE DE CABO FRIO - RJ Dias 04, 05, 06 e 07 de Junho de 2015 VOLEIBOL DO RIO DE JANEIRO CABO FRIO VOLEI MASTER 2015

CABO FRIO VOLEI MASTER 2015 CIDADE DE CABO FRIO - RJ Dias 04, 05, 06 e 07 de Junho de 2015 VOLEIBOL DO RIO DE JANEIRO CABO FRIO VOLEI MASTER 2015 REALIZAÇÃO APOIO ASSOCIAÇÃO MASTER DE VOLEIBOL DO RIO DE JANEIRO AMAVOLEI CABO FRIO VOLEI MASTER 2015 VOLEIBOL DE QUADRA PREFEITURA MUNICIPAL DE CABO FRIO SECRETARIA DE ESPORTES DE CABO FRIO Regulamento

Leia mais

REGULAMENTO RANKING APHAVILLE DOM PEDRO

REGULAMENTO RANKING APHAVILLE DOM PEDRO REGULAMENTO RANKING APHAVILLE DOM PEDRO Sumário 1. ORGANIZAÇÃO E GESTÃO DO RANKING... 2 2. PARTICIPAÇÃO NO RANKING... 2 2.1. Nível Técnico dos Jogadores... 2 3. RANKING... 2 3.1. Ingresso ao Ranking...

Leia mais

REGULAMENTO DE REMO 2007 2008

REGULAMENTO DE REMO 2007 2008 REGULAMENTO DE REMO 2007 2008 REGATAS OFICIAIS E CAMPEONATOS ESTADUAIS CAPÍTULO I DOS REMADORES E SUAS CATEGORIAS: Artigo 1º O(a)(s) remador(a)(es)(as) que vierem a participar de regatas da serão divididos

Leia mais

REGULAMENTO GERAL PARA O ANO DE 2015

REGULAMENTO GERAL PARA O ANO DE 2015 1. TRANSFERÊNCIAS DE ATLETAS REGULAMENTO GERAL PARA O ANO DE 2015 1.1. A transferência de atletas entre a FPBOL e demais Federações do país deverá ser por meio de formulário de solicitação de Transferência,

Leia mais

3º Prova ÁGUAS ABERTAS Fluviário de Mora. Açude do Gameiro Mora 12 Julho de 2015

3º Prova ÁGUAS ABERTAS Fluviário de Mora. Açude do Gameiro Mora 12 Julho de 2015 3º Prova ÁGUAS ABERTAS Fluviário de Mora Açude do Gameiro Mora 12 Julho de 2015 1. Organização Município de Mora. 2. Apoios Associação de Natação do Alentejo Bombeiros Voluntários de Mora Fluviário de

Leia mais

Regulamentos do Inter-Residências 2014 e das modalidades

Regulamentos do Inter-Residências 2014 e das modalidades Regulamentos do Inter-Residências 2014 e das modalidades Inter-Residências 2014 Regulamento geral Artigo 1 (Preâmbulo) Assumindo-se como uma das atividades mais emblemáticas organizadas pela Direção da

Leia mais

REGULAMENTO II Maratona Voleibol do Nordeste (4x4)

REGULAMENTO II Maratona Voleibol do Nordeste (4x4) REGULAMENTO II Maratona Voleibol do Nordeste (4x4) CAPÍTULO I Instalações e Materiais Terreno de Jogo - Cada campo terá 13 metros de comprimento por 6,5 metros de largura. 1) Linhas de marcação - O campo

Leia mais

νµθωερτψυιοπασδφγηϕκλζξχϖβνµθωερτ ψυιοπασδφγηϕκλζξχϖβνµθωερτψυιοπα σδφγηϕκλζξχϖβνµθωερτψυιοπασδφγηϕκ χϖβνµθωερτψυιοπασδφγηϕκλζξχϖβνµθ

νµθωερτψυιοπασδφγηϕκλζξχϖβνµθωερτ ψυιοπασδφγηϕκλζξχϖβνµθωερτψυιοπα σδφγηϕκλζξχϖβνµθωερτψυιοπασδφγηϕκ χϖβνµθωερτψυιοπασδφγηϕκλζξχϖβνµθ θωερτψυιοπασδφγηϕκλζξχϖβνµθωερτψ υιοπασδφγηϕκλζξχϖβνµθωερτψυιοπασδ φγηϕκλζξχϖβνµθωερτψυιοπασδφγηϕκλζ ξχϖβνµθωερτψυιοπασδφγηϕκλζξχϖβνµ II Campeonato de Bisca do Porto da Cruz θωερτψυιοπασδφγηϕκλζξχϖβνµθωερτψ

Leia mais

PROGRAMA. 14:30h Chegada das comitivas ao Complexo Desportivo Monte da Forca, em Vila Real; 15:30h JOGO 1: AF VISEU x AF BRAGANÇA;

PROGRAMA. 14:30h Chegada das comitivas ao Complexo Desportivo Monte da Forca, em Vila Real; 15:30h JOGO 1: AF VISEU x AF BRAGANÇA; PROGRAMA 14:30h Chegada das comitivas ao Complexo Desportivo Monte da Forca, em Vila Real; 15:30h JOGO 1: AF VISEU x AF BRAGANÇA; 16:30h JOGO 2: AF x AF VISEU; 17:30h JOGO 3: AF BRAGANÇA x AF ; 18:30h

Leia mais

A Liga Escolhas realizar-se-á com equipas mistas com idades compreendidas entre os 10 e os 14 anos e será apadrinhada por um jogador a definir.

A Liga Escolhas realizar-se-á com equipas mistas com idades compreendidas entre os 10 e os 14 anos e será apadrinhada por um jogador a definir. Regulamento Liga Fundação Aragão Pinto Escolhas 2011-2012 PREÂMBULO São diversas as definições de desenvolvimento óptimo juvenil entre os investigadores. Para Hamilton, por exemplo, o desenvolvimento positivo

Leia mais

Regulamento do Circuito Smashtour 2013

Regulamento do Circuito Smashtour 2013 REGULAMENTO CIRCUITO SMASHTOUR 2014 Regulamento do Circuito Smashtour 2013 1 - O Circuito será disputado em três fases, com um mínimo de 19 provas de cada fase de desenvolvimento Mínimo de 1 e máximo de

Leia mais

INTRODUÇÃO. PRINCÍPIOS ORIENTADORES (treinador e competição)

INTRODUÇÃO. PRINCÍPIOS ORIENTADORES (treinador e competição) INTRODUÇÃO Na organização de competições revela-se de vital importância organizar o sistema de provas em função das características do escalão etário a que os atletas pertencem. No caso dos mais jovens,

Leia mais

CAMPEONATO CARIOCA DE QUADRAS 2011

CAMPEONATO CARIOCA DE QUADRAS 2011 CAMPEONATO CARIOCA DE QUADRAS 2011 1. GERAL O Campeonato Carioca de Quadras será disputado por quadras de 4 a 6 jogadores, devendo ser indicado um capitão jogador. Caso a soma dos valores de handicap dos

Leia mais

Regulamento de Prova

Regulamento de Prova Regulamento de Prova ORGANIZAÇÃO! 3 ARBITRAGEM! 3 DATA / LOCAL / PROGRAMA! 3 PROVAS E ESCALÕES ETÁRIOS! 3 CONDIÇÕES DE PARTICIPAÇÃO! 5 DISPOSIÇÕES GERAIS! 5 INSCRIÇÕES! 6 CLASSIFICAÇÕES E TEMPOS LIMITE!

Leia mais

CAMPEONATO ESCOLAR DE BASQUETEBOL 3X3 COMPAL AIR REGULAMENTO DOS TORNEIOS

CAMPEONATO ESCOLAR DE BASQUETEBOL 3X3 COMPAL AIR REGULAMENTO DOS TORNEIOS CAMPEONATO ESCOLAR DE BASQUETEBOL 3X3 COMPAL AIR REGULAMENTO DOS TORNEIOS INTRODUÇÃO No Campeonato Escolar Compal Air estão incluídos um conjunto de Torneios 3x3, correspondentes às fases Local, Regional

Leia mais

6º MERCOSUL OPEN SENIORS DE BADMINTON Torneio Integração dos Povos do Mundo

6º MERCOSUL OPEN SENIORS DE BADMINTON Torneio Integração dos Povos do Mundo 6º MERCOSUL OPEN SENIORS DE BADMINTON Torneio Integração dos Povos do Mundo A Comissão Organizadora e a Comunidade Chinesa do Paraguai convidam todas as entidades de prática e atletas do Brasil e do Exterior

Leia mais

Regulamento do Programa do Desporto Escolar 2014-2015

Regulamento do Programa do Desporto Escolar 2014-2015 Regulamento do Programa do Desporto Escolar 2014-2015 REGULAMENTO DO PROGRAMA DO DESPORTO ESCOLAR 2014-2015 ( a que se refere o Despacho nº9302/2014 de 17 de julho) 1. ÂMBITO O presente regulamento define

Leia mais

FUNPEEL Troféu Luiz Carlos Heidrich (LULI)

FUNPEEL Troféu Luiz Carlos Heidrich (LULI) 8 o CAMPEONATO MUNICIPAL DE FUTSAL MASCULINO/ FUNPEEL Troféu Luiz Carlos Heidrich (LULI) 1. DISPOSIÇÕES INICIAIS REGULAMENTO TÉCNICO 1.1. O 8º Campeonato Municipal de Futsal Masculino será promovido e

Leia mais

CIF Club Internacional de Foot-Ball. Regulamento do Torneio Escada 2015

CIF Club Internacional de Foot-Ball. Regulamento do Torneio Escada 2015 CIF Club Internacional de Foot-Ball Regulamento do Torneio Escada 2015 INTRODUÇÃO 1. O Torneio Escada do CIF é aberto a sócios e não sócios do CIF. 2. O torneio é disputado em três escalões: femininos,

Leia mais

APOIO: 1ª COPA FUNILÂNDIA SESCON/MG

APOIO: 1ª COPA FUNILÂNDIA SESCON/MG 1ª COPA FUNILÂNDIA SESCON/MG VOLEIBOL 2015 CARTA CONVITE A Prefeitura Municipal de Funilândia em parceria com a SESCON/MG e a MACKSSUD convida todas as entidades esportivas a participarem da 1ª COPA FUNILÂNDIA

Leia mais

Direção de Serviços do Desporto Escolar. Regulamento Geral de Provas

Direção de Serviços do Desporto Escolar. Regulamento Geral de Provas Direção de Serviços do Desporto Escolar Regulamento Geral de Provas Ano Letivo 2012-2013 Direção de Serviços do Desporto Escolar 1 INTRODUÇÃO O presente regulamento geral de provas, aplica-se a todos

Leia mais

Regulamento Específico de Basquetebol

Regulamento Específico de Basquetebol Regulamento Específico de Basquetebol Regulamento Basquetebol 1 ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 3 2. ESCALÕES ETÁRIOS / BOLA DE JOGO... 4 3. CONSTITUIÇÃO DA EQUIPA... 4 4. MESA DE JOGO... 4 5. ARBITRAGEM... 5

Leia mais

2ª COPA DE JUDÔ CIDADE DE BRAGANÇA Coletando Esperança. BOLETIM OFICIAL Bragança/PA, 04 de maio de 2015.

2ª COPA DE JUDÔ CIDADE DE BRAGANÇA Coletando Esperança. BOLETIM OFICIAL Bragança/PA, 04 de maio de 2015. BOLETIM OFICIAL Bragança/PA, 04 de maio de 015. AS ASSOCIAÇÕES FILIADAS E VINCULADAS. É com extremo prazer e alegria que a ASSOCIAÇÃO DE JUDÔ RIO CAETÉ convida para a ª Judô /PA, integrante do calendário

Leia mais

2º TORNEIO KICK-OFF / WORTEN

2º TORNEIO KICK-OFF / WORTEN 2º TORNEIO KICK-OFF / WORTEN DOSSIER DO TORNEIO 1. Introdução A nossa empresa conta com alguns anos de experiência na organização de eventos desportivos, surgindo este no seguimento de outros por nós realizados.

Leia mais

III Edição Grande Prémio AIREV

III Edição Grande Prémio AIREV III Edição Grande Prémio AIREV A Associação para Integração e Reabilitação Social de Crianças e Jovens Deficientes de Vizela, pretende organizar, pelo terceiro ano consecutivo, uma Corrida e Caminhada

Leia mais

Utilidade Pública Desportiva - Despacho 49/94, de 9.9.1994. REGULAMENTO de COMPETIÇÃO

Utilidade Pública Desportiva - Despacho 49/94, de 9.9.1994. REGULAMENTO de COMPETIÇÃO REGULAMENTO de COMPETIÇÃO Regulamento da Taça de Portugal de ing 2015 INDICE Capitulo I Definição e Âmbito Capitulo II Objectivos e Títulos Capitulo III Categorias e escalões etários integrantes Capitulo

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DE JUDÔ HOMBU BUDOKAN

ASSOCIAÇÃO DE JUDÔ HOMBU BUDOKAN ASSOCIAÇÃO DE JUDÔ HOMBU BUDOKAN Praça Santa Adelaide nº 5 tel. 5011-8311 CEP 04318-010 Cidade Vargas São Paulo SP Filiada a Federação Paulista de Judô e-mail: ogawabudokan@terra.com.br São Paulo, 22 de

Leia mais

BRASIL BASQUETE KIDS SÃO CARLOS ENCONTRO NACIONAL DE BASQUETEBOL SUB10/12 2014

BRASIL BASQUETE KIDS SÃO CARLOS ENCONTRO NACIONAL DE BASQUETEBOL SUB10/12 2014 BRASIL BASQUETE KIDS SÃO CARLOS ENCONTRO NACIONAL DE BASQUETEBOL SUB10/12 2014 REGULAMENTO GERAL E TÉCNICO Capítulo Primeiro DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 01º- Este regulamento é o conjunto das disposições que

Leia mais

REGULAMENTO GERAL I COPA SOCIETY OAB/MG

REGULAMENTO GERAL I COPA SOCIETY OAB/MG BELO HORIZONTE AGOSTO DE 2014 REGULAMENTO GERAL I COPA SOCIETY OAB/MG REALIZAÇÃO Arte do Esporte www.artedoesporte.com.br I DAS FINALIDADES 3 II DA ORGANIZAÇÃO E EXECUÇÃO 3 III PERÍODO DE INSCRIÇÃO E REALIZAÇÃO

Leia mais

I TORNEIO DE FUTSAL ASSOCIAÇÃO DE SHORINJI KEMPO DE SINTRA. Dia 3 de Julho de 2011 Escola Secundária Gama Barros - Cacém

I TORNEIO DE FUTSAL ASSOCIAÇÃO DE SHORINJI KEMPO DE SINTRA. Dia 3 de Julho de 2011 Escola Secundária Gama Barros - Cacém I TORNEIO DE FUTSAL ASSOCIAÇÃO DE SHORINJI KEMPO DE SINTRA Dia 3 de Julho de 2011 Escola Secundária Gama Barros - Cacém APRESENTAÇÃO Este torneio é o primeiro da Associação de Shorinji Kempo de Sintra

Leia mais