DISTRIBUIÇÃO ESPACIAL DOS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO DO BRASIL

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DISTRIBUIÇÃO ESPACIAL DOS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO DO BRASIL"

Transcrição

1 DISTRIBUIÇÃO ESPACIAL DOS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO DO BRASIL MOURA, A. L. A. 1 ; SÁ, L. A. C. M 2 RESUMO - A presente pesquisa está sendo desenvolvida com o objetivo de formular uma base de dados espaciais na internet no qual aborda a pós-graduação brasileira utilizando-se de Sistemas de Geoinformação SIG. A distribuição espacial das Instituições de Ensino Superior IES estão sendo posicionadas geograficamente, e as instituições estão sendo classificadas como pública e privada, pelo conceito da CAPES, por programas de pós-graduação e áreas do conhecimento. A organização espacial das IES deve estar relacionada com a distribuição populacional do País e a sua dinâmica econômica, devido a grande correlação entre essas informações e dados do ensino superior. A pesquisa constatou que há pós-graduação em todas as áreas do conhecimento e estão presentes nas regiões brasileiras, no entanto algumas regiões são mais beneficiadas que outras. A concentração referente aos programas de pós-graduação é tanta que ao observar a região Sudeste constatou-se que a USP, estadual, possui o total de 226 programas, o que significa quase que a mesma quantidade onde reúnem juntos os 11 (onze) estados do Norte e do Centro-Oeste. Na educação superior do Brasil há uma necessidade de planejamento regional para uma descentralização e orientação do crescimento do sistema para que se melhore a distribuição de cursos de boa qualidade, matriculas e titulações para as regiões abastadas. Apoio: UFPE/PIBIC/CNPq PALAVRAS-CHAVE: pós-graduação, sistemas de geoinformação SIG ABSTRACT - The research is being developed with the aim to formulate a spatial database at internet for a applicatory system that approaches the Brazilian after-graduation using of Geographical Information Systems - GIS. The geographical distribution of the High Education Institutions - IES are being located, and the classification of the institution are public and private and its CAPES esteem and identifying the programs and knowledge. The space organization of the IES must be related with the population distribution of the country and its economic dynamics, with great correlation between these information and data of high education. The research evidenced that there are after-graduation in all the areas of the knowledge and it is present in the Brazilian regions, however some regions is more benefited than others. The referring concentration to the after-graduation programs is so big that when 1 Acadêmico do Curso de Graduação em Geografia, Universidade Federal de Pernambuco UFPE; Centro de Tecnologia e Geociências CTG, Departamento de Engenharia Cartográfica DECart Cidade Universitária Recife Pernambuco, 2 Professora Doutora do Departamento de Ciências Cartográficas, UFPE, DECart,

2 observing the Southeastern region we can see that the USP has a total of 226 programs, what it means that it is the same number of programs as the 11 (eleven) states of the North and the Center-West together. In the Brazilian high education there are a necessity of regional planning for a decentralization and orientation of the growth of the educational system so that if it improves the distribution of courses of good quality, your register and status for the poor regions. KEYWORDS: after-graduation, geographical information systems GIS INTRODUÇÃO: SIG é a ferramenta computacional para o geoprocessamento que permite realizar análises espaciais, produção de mapas e criar banco de dados georeferenciados. Tendo como objeto a formulação de base de dados espaciais na internet sobre a pós-graduação brasileira o SIG foi imprescindível para a pesquisa. A pós-graduação é responsável por ter como funções básicas o ensino e a pesquisa, no qual é o principal fator da formação de recursos humanos qualificados e ao fortalecimento do potencial científico-tecnológico de uma nação. Sua importância maior vem com o crescimento expressivo ao longo da década de 90 até esta última. O ensino superior apresenta considerável expansão como um todo, mas vem enfrentando dificuldades que afetam sua eficácia e qualidade (SILVA, 2001). A pesquisa tenta mostrar como esta relacionada a espacialização desta pósgraduação e quais as suas causas utilizando de dados estatísticos providos de Institutos de pesquisas como IBGE, INEP, IPEA, CAPES, CNPq. Com essa parte da pesquisa concluída o trabalho será disponibilizado na internet através de SIG específico para consulta de profissionais e estudantes interessados em conhecer os programas da pós-graduação brasileira. MATERIAL E MÉTODOS: A aquisição dos dados de ensino superior da pesquisa foi feita através de endereços eletrônicos das IES, com base no banco de dados da CAPES, do CNPq e através da página eletrônica do INEP Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. Para a análise regional foram pesquisados dados demográficos e econômicos pelo IPEA - Instituto de Pesquisa Econômica e Aplicada e do IBGE Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Após a coleta foi criado um banco de dados sobre a pós-graduação e importado ao programa computacional SIG para elaboração do mapa. Após o tratamento dos dados as informações estavam prontas para a visualização, consulta e elaboração de mapas temáticos e disponibilizada na internet (figura 1).

3 Anais III Simpósio Regional de Geoprocessamento e Sensoriamento Remoto Figura 1 Elaboração de consultas e mapas. RESULTADOS E DISCUSSÃO: A Pós-graduação brasileira se expandiu e se consolidou em poucas décadas, ao contrário da graduação. Dentro de todo o sistema educacional brasileiro, a expansão dos programas de pós-graduação se constitui em uma das realizações mais bem sucedias no sistema de ensino existente no País. Segundo o Plano Nacional de Pós-Graduação (PNPG, 2006), dados da pósgraduação indicam que todas as áreas do conhecimento apresentaram crescimento expressivo ao longo dos anos, com algumas oscilações, e que a tendência vem sendo nitidamente positiva. Apesar do crescimento apontado, a pesquisa mostra que ainda persiste uma distribuição desigual entre as regiões do Brasil. Na Figura 2 pode-se observar que a região Sudeste concentra 56,9% dos cursos de mestrado e 63,5% dos de doutorado, seguida da região Sul (20,1% e 17,7%), Nordeste (16,7% e 11,7%), CentroOeste (6,7% e 4,9%) e Norte (4,2% e 2,0%). Figura 2 Tipos de cursos de Pós-graduação. A análise das taxas de crescimento mostra que o maior ocorreu na região Norte, 15% ao ano, seguido do Centro-Oeste 12%, Sul 12%, Nordeste 9,6% e Sudeste, 6,3%. Mesmo com significativas taxas de crescimento as disparidades regionais se conservam, principalmente no Norte do Brasil quando observado os valores absolutos. A má distribuição é vista em todas as áreas do conhecimento, conforme a Figura 3 o número de IES com programas está concentrado nos estados onde há maior

4 população e são os que mais se destacam economicamente. A região Norte é que apresenta condições mais desfavoráveis. Figura 3 Número de IES com programas de pós-graduação Ao analisar os dados de cursos em nível de mestrado e doutorado percebe-se claramente um crescimento em todas as regiões dos cursos de pós-graduação. A região Norte quadruplicou a quantidade de mestrado e triplicado a de doutorado entre 1996 a 2006, mas como sua quantidade é pequena, seu crescimento não teve consistência em termos nacionais. O segmento que mais oferece cursos tanto mestrado como doutorado é o Público responsável por 82% e 90% respectivamente. Por sua vez, no setor privado cresceu número de pós-graduação, o mestrado passou de 8% do total em 1996 para 18% em 2004, já o doutorado aumentou em 1% neste período. Das pós-graduações brasileiras a mais expressiva em todas as regiões é a Ciências da Saúde, seguida por Ciências Humanas e Ciências Agrárias (Figura 4). No Sudeste e Sul estão concentradas 72,2% dos programas. No Nordeste é interessante notar um equilíbrio das Ciências da Saúde com as Ciências Humanas, Sociais Aplicadas e das Engenharias. No Norte a área que mais se destaca é Ciências Biológica e Agrária. No Centro-Oeste há maior presença de programas na área de Ciências Humanas e Ciências Exatas e da Terra. Figura 4 Áreas do conhecimento CONCLUSÃO: O SIG foi ferramenta essencial para análise espacial do Ensino Superior no Brasil permitindo a melhor manipulação, visualização dos dados que foram disponibilizados na internet e

5 servirão ao público. As IES públicas possuem o maior número de instituições e matrículas na pósgraduação; já as do setor privado registraram crescimento acelerado das graduações na última década devido a criação de novas instituições, mesmo apresentando relativo desenvolvimento das pósgraduações. Além das desigualdades administrativas do ensino superior há também a regional entre as graduações e das pós-graduações (Figura 5), que acompanha as disparidades econômico-sociais, devido ao grau de polarização nacional no Sudeste do Brasil. Figura 5 PIB per Capita e População residente entre 24 e 49 anos. O desequilíbrio regional está relacionado aos investimentos, no qual são distribuídos seguindo a lógica de que onde existe maior PIB, maior número docentes/pesquisadores doutores (Tabela 1), onde há uma maior demanda para a educação superior, o valor dos investimentos absolutos tem sido proporcionalmente maiores. Tabela 1 Quantidade de grupos de pesquisa e pesquisadores, PIB per Capita em milhões de Reais, População Total, Na educação superior do Brasil há uma necessidade de planejamento regional para uma descentralização e orientação do crescimento do sistema para que se melhore a distribuição de cursos de boa qualidade, matriculas e titulações para regiões como Norte, Centro-Oeste e Nordeste. Em síntese, o grande desafio a ser enfrentado pela educação superior brasileira é o estabelecimento e a implantação de uma política que tenha como alvo o conjunto do sistema, e não apenas uma parte deste. REGIÃO Grupos de Pesquisa Pesquisadores PIB Per Capita 2002 População Total Sudeste , Sul , Nordeste , Centro-Oeste , Norte , BRASIL , REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, Disponível na internet (www.capes.gov.br). Acesso em 20 de Janeiro de Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, Disponível na internet (www.inep.gov.br). Acesso em 20 de Janeiro de 2006.

6 Instituto de Pesquisa Econômica e Aplicada, Disponível na internet (www.ipea.gov.br). Acesso em 20 de Janeiro de PLANO NACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO-PNPG CAPES, Disponível na internet (www.inep.gov.br). Acesso em 20 de Janeiro de SILVA, Alberto Carvalho da Alguns problemas do nosso ensino superior. Edição especial da revista quadrimestral do Instituto de Estudos Avançados da USP. Estudos Avançados, Vol. 15 Número 42, Maio/Agosto, p

XIII Encontro de Iniciação Científica IX Mostra de Pós-graduação 06 a 11 de outubro de 2008 BIODIVERSIDADE TECNOLOGIA DESENVOLVIMENTO

XIII Encontro de Iniciação Científica IX Mostra de Pós-graduação 06 a 11 de outubro de 2008 BIODIVERSIDADE TECNOLOGIA DESENVOLVIMENTO XIII Encontro de Iniciação Científica IX Mostra de Pós-graduação 06 a 11 de outubro de 2008 BIODIVERSIDADE TECNOLOGIA DESENVOLVIMENTO EPH0339 O ENSINO SUPERIOR NO GOVERNO FHC E SUA DISTRIBUIÇÃO SOBRE O

Leia mais

DISTRIBUIÇÃO GEOGRÁFICA DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA CIVIL NO BRASIL

DISTRIBUIÇÃO GEOGRÁFICA DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA CIVIL NO BRASIL DISTRIBUIÇÃO GEOGRÁFICA DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA CIVIL NO BRASIL Maria Cecília Bonato Brandalize maria.brandalize@pucpr.br Pontifícia Universidade Católica do Paraná, Curso

Leia mais

Ciências Biológicas. Indicadores das Graduações em Saúde Estação de Trabalho IMS/UERJ do ObservaRH

Ciências Biológicas. Indicadores das Graduações em Saúde Estação de Trabalho IMS/UERJ do ObservaRH Indicadores das Graduações em Saúde Estação de Trabalho IMS/UERJ do ObservaRH Ciências Biológicas Os cursos de Ciências Biológicas remontam aos cursos de Ciências Naturais, História Natural, licenciatura

Leia mais

Ministério da Educação Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. Censo da Educação Superior 2013

Ministério da Educação Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. Censo da Educação Superior 2013 Ministério da Educação Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira Censo da Educação Superior 2013 Quadro Resumo- Estatísticas gerais da Educação Superior, por Categoria Administrativa-

Leia mais

Tecnológicos Corpo docente Atendimento especial Licenciaturas Educação a distância Graduações mais procuradas -

Tecnológicos Corpo docente Atendimento especial Licenciaturas Educação a distância Graduações mais procuradas - Matrículas no ensino superior crescem 3,8% Texto-síntese do portal no INEP (http://portal.inep.gov.br/visualizar/-/asset_publisher/6ahj/content/matriculas-no-ensino-superior-crescem-3-8? redirect=http%3a%2f%2fportal.inep.gov.br%2f)

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. Janeiro de 2011

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. Janeiro de 2011 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS EDUCACIONAIS ANÍSIO TEIXEIRA CENSO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR 2009 Janeiro de 2011 PRINCIPAIS RESULTADOS - CENSO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR GRADUAÇÃO

Leia mais

Biomedicina. Indicadores das Graduações em Saúde Estação de Trabalho IMS/UERJ do ObservaRH

Biomedicina. Indicadores das Graduações em Saúde Estação de Trabalho IMS/UERJ do ObservaRH Indicadores das Graduações em Saúde Estação de Trabalho IMS/UERJ do ObservaRH Biomedicina O curso de Biomedicina teve seu início na década de 50, como pós-graduação para formação de profissionais para

Leia mais

(YROXomR GR(QVLQR *UDGXDomR

(YROXomR GR(QVLQR *UDGXDomR (YROXomR GR(QVLQR 6XSHULRU² *UDGXDomR,QVWLWXWRÃ1DFLRQDOÃGHÃ(VWXGRV (& HÃ3HVTXLVDVÃ(GXFDFLRQDLV Brasília, 2 1 DIRETORIA DE INFORMAÇÕES E ESTATÍSTICAS EDUCACIONAIS João Batista Ferreira Gomes Neto COORDENAÇÃO-GERAL

Leia mais

O panorama do mercado educativo em saúde no Brasil

O panorama do mercado educativo em saúde no Brasil Indicadores das Graduações em Saúde Estação de Trabalho IMS/UERJ do ObservaRH O panorama do mercado educativo em saúde no Brasil Como consequência de políticas governamentais implementadas com o objetivo

Leia mais

O Plano nacional de Educação e a Expansão da Educação Superior

O Plano nacional de Educação e a Expansão da Educação Superior O Plano nacional de Educação e a Expansão da Educação Superior Luiz Cláudio Costa Brasília - novembro 2012 Contexto Indicadores de acompanhamento: taxa líquida: percentual da população de 18-24 anos na

Leia mais

Ministério da Educação Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira RESUMO TÉCNICO CENSO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR 2008

Ministério da Educação Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira RESUMO TÉCNICO CENSO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR 2008 Ministério da Educação Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira RESUMO TÉCNICO CENSO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR 2008 Brasília DF 2009 SUMÁRIO LISTA DE TABELAS... 3 APRESENTAÇÃO...

Leia mais

Ministério da Educação Censo da Educação Superior 2012

Ministério da Educação Censo da Educação Superior 2012 Ministério da Educação Censo da Educação Superior 2012 Aloizio Mercadante Ministro de Estado da Educação Quadro Resumo- Estatísticas Gerais da Educação Superior por Categoria Administrativa - - 2012 Categoria

Leia mais

INTRODUÇÃO AO GEOPROCESSAMENTO. Profª Iana Alexandra Alves Rufino [iana_alex@uol.com.br]

INTRODUÇÃO AO GEOPROCESSAMENTO. Profª Iana Alexandra Alves Rufino [iana_alex@uol.com.br] INTRODUÇÃO AO GEOPROCESSAMENTO Profª Iana Alexandra Alves Rufino [iana_alex@uol.com.br] Introdução ao Geoprocessamento Conceitos básicos Componentes de um SIG Exemplos de aplicações Conceitos Geoprocessamento

Leia mais

A EDUCAÇÃO ESPECIAL NO ÂMBITO DA PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO NO BRASIL Régis Henrique dos Reis Silva UFG e UNICAMP regishsilva@bol.com.br 1.

A EDUCAÇÃO ESPECIAL NO ÂMBITO DA PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO NO BRASIL Régis Henrique dos Reis Silva UFG e UNICAMP regishsilva@bol.com.br 1. A EDUCAÇÃO ESPECIAL NO ÂMBITO DA PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO NO BRASIL Régis Henrique dos Reis Silva UFG e UNICAMP regishsilva@bol.com.br 1. INTRODUÇÃO Este estudo tem como objeto de análise o processo de

Leia mais

Educação e trabalho em saúde

Educação e trabalho em saúde Educação e trabalho em saúde Dra. Celia Regina Pierantoni, MD, DSc Professora Associada do Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva do IMS/UERJ. Coordenadora Geral do ObservaRH. Diretora do Centro Colaborador

Leia mais

Estado da motorização individual no Brasil Relatório 2015. Coordenação: Juciano Martins Rodrigues. Observatório das Metrópoles

Estado da motorização individual no Brasil Relatório 2015. Coordenação: Juciano Martins Rodrigues. Observatório das Metrópoles Estado da motorização individual no Brasil Relatório 2015 Estado da motorização individual no Brasil Relatório 2015 Coordenação: Juciano Martins Rodrigues Observatório das Metrópoles Luiz Cesar de Queiroz

Leia mais

CURSOS DE SERVIÇO SOCIAL NA MODALIDADE EAD: breve caracterização

CURSOS DE SERVIÇO SOCIAL NA MODALIDADE EAD: breve caracterização 1 CURSOS DE SERVIÇO SOCIAL NA MODALIDADE EAD: breve caracterização RESUMO Taiane Alecrim Mattos 1 O presente trabalho insere-se no projeto de pesquisa intitulado Ensino superior e Serviço Social brasileiro:

Leia mais

População e PIB das cidades médias crescem mais que no resto do Brasil

População e PIB das cidades médias crescem mais que no resto do Brasil RELEASE 17 de JULHO de 2008. População e PIB das cidades médias crescem mais que no resto do Brasil Aumentos de riquezas e de habitantes nas cidades com 100 mil a 500 mil, neste século, superam a média

Leia mais

Simone Maria da Silva Rodrigues 1 Mário Jorge Campos dos Santos 2 RESUMO

Simone Maria da Silva Rodrigues 1 Mário Jorge Campos dos Santos 2 RESUMO EDUCAÇÃO ESPECIAL NA GRADUAÇÃO: MAPEAMENTO DA QUANTIDADE DE ALUNOS PORTADORES DE NECESSIDADES ESPECIAIS MATRICULADOS NOS CURSOS DE GRADUAÇÃO PRESENCIAL E A DISTÂNCIA NO BRASIL Simone Maria da Silva Rodrigues

Leia mais

Censo da Educação Superior 2011

Censo da Educação Superior 2011 Censo da Educação Superior 2011 Quadro Resumo - Estatísticas Gerais da Educação Superior por Categoria Administrativa Categoria Administrativa Estatísticas Básicas Total Geral Pública Total Federal Estadual

Leia mais

O DOCENTE NA EDUCAÇÃO SUPERIOR: NO CONTEXTO REAL DO TRABALHO

O DOCENTE NA EDUCAÇÃO SUPERIOR: NO CONTEXTO REAL DO TRABALHO O DOCENTE NA EDUCAÇÃO SUPERIOR: NO CONTEXTO REAL DO TRABALHO Marcia Akemi Yamada 1 Soraia Kfouri Salerno 2 Resumo Uma das premissas do trabalho docente na Instituição do Ensino Superior (IES) é a produção

Leia mais

ESTUDO DA EXPANSÃO DO DESMATAMENTO DO BIOMA CERRADO A PARTIR DE CENAS AMOSTRAIS DOS SATÉLITES LANDSAT

ESTUDO DA EXPANSÃO DO DESMATAMENTO DO BIOMA CERRADO A PARTIR DE CENAS AMOSTRAIS DOS SATÉLITES LANDSAT ESTUDO DA EXPANSÃO DO DESMATAMENTO DO BIOMA CERRADO A PARTIR DE CENAS AMOSTRAIS DOS SATÉLITES LANDSAT Elaine Barbosa da SILVA¹ Laerte Guimarães FERREIRA JÚNIOR¹ Antonio Fernandes dos ANJOS¹ Genival Fernandes

Leia mais

Ministério da Educação Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira RESUMO TÉCNICO CENSO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR DE 2009

Ministério da Educação Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira RESUMO TÉCNICO CENSO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR DE 2009 Ministério da Educação Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira RESUMO TÉCNICO CENSO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR DE 2009 Brasília DF 2010 SUMÁRIO APRESENTAÇÃO... 5 PROCESSO DE COLETA

Leia mais

Fisioterapia. Indicadores das Graduações em Saúde Estação de Trabalho IMS/UERJ do ObservaRH

Fisioterapia. Indicadores das Graduações em Saúde Estação de Trabalho IMS/UERJ do ObservaRH Indicadores das Graduações em Saúde Estação de Trabalho IMS/UERJ do ObservaRH Fisioterapia Por mais de 40 anos, de 1929 até 1969, a profissão de fisioterapeuta foi exercida sem regulamentação. Nesta etapa,

Leia mais

EAD NO BRASIL: A RELAÇÃO ENTRE O IDH REGIONAL E UMA EDUCAÇÃO DE QUALIDADE

EAD NO BRASIL: A RELAÇÃO ENTRE O IDH REGIONAL E UMA EDUCAÇÃO DE QUALIDADE 1 EAD NO BRASIL: A RELAÇÃO ENTRE O IDH REGIONAL E UMA EDUCAÇÃO DE QUALIDADE Maringá Pr. 05/2015 Ednar Rafaela Mieko Shimohigashi Centro Universitário Cesumar ednar.shimohigashi@unicesumar.edu.br Eliane

Leia mais

Medicina. Indicadores das Graduações em Saúde Estação de Trabalho IMS/UERJ do ObservaRH

Medicina. Indicadores das Graduações em Saúde Estação de Trabalho IMS/UERJ do ObservaRH Indicadores das Graduações em Saúde Estação de Trabalho IMS/UERJ do ObservaRH Medicina O início do ensino médico no país foi estabelecido na Bahia e no Rio de Janeiro, em 1808, devido à transferência da

Leia mais

Boletim Econômico. Federação Nacional dos Portuários. Sumário

Boletim Econômico. Federação Nacional dos Portuários. Sumário Boletim Econômico Federação Nacional dos Portuários Agosto de 2014 Sumário Indicadores de desenvolvimento brasileiro... 2 Emprego... 2 Reajuste dos salários e do salário mínimo... 3 Desigualdade Social

Leia mais

A distribuição dos pós-graduados em medicina no Brasil: realidade atual. The distribution of postgraduates in medicine in Brazil: current situation.

A distribuição dos pós-graduados em medicina no Brasil: realidade atual. The distribution of postgraduates in medicine in Brazil: current situation. 0004-2773/11/40-04/47 Arquivos Catarinenses de Medicina Arquivos Catarinenses de Medicina Vol. 40, n o. 4, de 2011 47 The distribution of postgraduates in medicine in Brazil: current situation. Renan Kleber

Leia mais

SIG como uma ferramenta de análise espacial Um estudo de caso da saúde no RN

SIG como uma ferramenta de análise espacial Um estudo de caso da saúde no RN SIG como uma ferramenta de análise espacial Um estudo de caso da saúde no RN Adeline M. Maciel, Luana D. Chagas, Cláubio L. L. Bandeira Mestrado em Ciência da Computação (MCC) Universidade do Estado do

Leia mais

Documento Base do Plano Estadual de Educação do Ceará. Eixo Temático Educação Superior

Documento Base do Plano Estadual de Educação do Ceará. Eixo Temático Educação Superior Documento Base do Plano Estadual de Educação do Ceará Eixo Temático Educação Superior Ceará, 2015 1 Socioeconômico Diagnóstico Para compreender a situação da educação no estado do Ceará é necessário também

Leia mais

INSERÇÃO, PRESENÇA E RELEVÂNCIA DOS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÂO INSERÇÃO SOCIAL

INSERÇÃO, PRESENÇA E RELEVÂNCIA DOS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÂO INSERÇÃO SOCIAL INSERÇÃO, PRESENÇA E RELEVÂNCIA DOS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÂO INSERÇÃO SOCIAL Maria José Lima da Silva e Valquiria Linck Bassani A Pós-Graduação Brasileira apresenta 2.379 programas de pós-graduação (fonte

Leia mais

A Engenharia e o Desenvolvimento Regional. Palestrante: Prof. Dr. Ivaldo Leão Ferreira Professor Adjunto II VEM/EEIMVR/UFF

A Engenharia e o Desenvolvimento Regional. Palestrante: Prof. Dr. Ivaldo Leão Ferreira Professor Adjunto II VEM/EEIMVR/UFF A Engenharia e o Desenvolvimento Regional A Engenharia e o Desenvolvimento Regional Resumo A importância da qualidade e diversidade na formação do corpo de engenheiros regionais e a integração da indústria

Leia mais

Anais do Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão. Volume 8, Número 8. Recife: Faculdade Senac PE, 2014.

Anais do Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão. Volume 8, Número 8. Recife: Faculdade Senac PE, 2014. UMA ANÁLISE DOS IMPACTOS DO DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO DO PORTO DE SUAPE PARA A OFERTA DA EDUCAÇÃO PROFISSINAL NOS MUNICÍPIOS DE IPOJUCA E CABO DE SANTO AGOSTINHO Lígia Batista de Oliveira Thayane Maria

Leia mais

V Seminário Interno do Programa de Pós-Graduação em Zootecnia da UFRGS (08 de Abril de 2015) A Pós-graduação em Zootecnia Uma visão do sistema

V Seminário Interno do Programa de Pós-Graduação em Zootecnia da UFRGS (08 de Abril de 2015) A Pós-graduação em Zootecnia Uma visão do sistema V Seminário Interno do Programa de Pós-Graduação em Zootecnia da UFRGS (08 de Abril de 2015) A Pós-graduação em Zootecnia Uma visão do sistema Papel da CAPES na Condução da Pós-Graduação Fundação vinculada

Leia mais

Nutrição. Indicadores das Graduações em Saúde Estação de Trabalho IMS/UERJ do ObservaRH

Nutrição. Indicadores das Graduações em Saúde Estação de Trabalho IMS/UERJ do ObservaRH Indicadores das Graduações em Saúde Estação de Trabalho IMS/UERJ do ObservaRH Nutrição A contextualização histórica da profissão de Nutricionista remete ao primeiro curso universitário de Dietista, realizado

Leia mais

BRASILEIROS VÃO INVESTIR 13,5% A MAIS COM EDUCAÇÃO EM 2012

BRASILEIROS VÃO INVESTIR 13,5% A MAIS COM EDUCAÇÃO EM 2012 1 BRASILEIROS VÃO INVESTIR 13,5% A MAIS COM EDUCAÇÃO EM 2012 Antônio Eugênio Cunha* O brasileiro vai investir 13,5% a mais com educação em 2012 relativo ao ano anterior. Este é o levantamento divulgado

Leia mais

11.1. INFORMAÇÕES GERAIS

11.1. INFORMAÇÕES GERAIS ASPECTOS 11 SOCIOECONÔMICOS 11.1. INFORMAÇÕES GERAIS O suprimento de energia elétrica tem-se tornado fator indispensável ao bem-estar social e ao crescimento econômico do Brasil. Contudo, é ainda muito

Leia mais

DESENVOLVIMENTO SÓCIO-ECONÔMICO E CAPITAL SOCIAL NO BRASIL: EM BUSCA DE CORRELAÇÕES

DESENVOLVIMENTO SÓCIO-ECONÔMICO E CAPITAL SOCIAL NO BRASIL: EM BUSCA DE CORRELAÇÕES DESENVOLVIMENTO SÓCIO-ECONÔMICO E CAPITAL SOCIAL NO BRASIL: EM BUSCA DE CORRELAÇÕES Sylvio Bandeira de Mello e Silva Programa de Pós-graduação em Planejamento Territorial e Desenvolvimento Social/UCSAL

Leia mais

INTRODUÇÃO AO GEOPROCESSAMENTO GEOPROCESSAMENTO. Introdução ao Geoprocessamento. Conceitos básicos 18/06/2015. Conceitos básicos

INTRODUÇÃO AO GEOPROCESSAMENTO GEOPROCESSAMENTO. Introdução ao Geoprocessamento. Conceitos básicos 18/06/2015. Conceitos básicos GEOPROCESSAMENTO INTRODUÇÃO AO GEOPROCESSAMENTO Prof. Esp. André Aparecido da Silva Introdução ao Geoprocessamento Conceitos básicos Conceitos básicos Componentes de um SIG Entrada de Dados em Geoprocessamento

Leia mais

A UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO E O SIGNIFICADO SOCIAL DA POLÍTICA PÚBLICA DE EXPANSÃO DO ENSINO SUPERIOR NA BAIXADA FLUMINENSE

A UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO E O SIGNIFICADO SOCIAL DA POLÍTICA PÚBLICA DE EXPANSÃO DO ENSINO SUPERIOR NA BAIXADA FLUMINENSE A UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO E O SIGNIFICADO SOCIAL DA POLÍTICA PÚBLICA DE EXPANSÃO DO ENSINO SUPERIOR NA BAIXADA FLUMINENSE INTRODUÇÃO Renan Arjona de Souza (1); Nádia Maria Pereira

Leia mais

Pós Graduação Brasileira: Impacto e Perspectivas

Pós Graduação Brasileira: Impacto e Perspectivas Pós Graduação Brasileira: Impacto e Perspectivas Milca Severino Pereira Pró-Reitora de Pós Graduação e Pesquisa PUC Goiás Isac Almeida de Medeiros Pró-Reitor de Pós-Graduação e Pesquisa Universidade Federal

Leia mais

CENSO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR 2010

CENSO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR 2010 1 CENSO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR 2010 O Censo da Educação Superior, realizado anualmente pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), constitui se em importante instrumento

Leia mais

SISTEMA DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICO (SIG) DOS SERVIÇOS TURÍSTICOS DO CENTRO DE PELOTAS-RS

SISTEMA DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICO (SIG) DOS SERVIÇOS TURÍSTICOS DO CENTRO DE PELOTAS-RS SISTEMA DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICO (SIG) DOS SERVIÇOS TURÍSTICOS DO CENTRO DE PELOTAS-RS Autor(es): Apresentador: Orientador: Revisor 1: Revisor 2: Instituição: SCHMIDT, Kelly Raquel; RAMOS, Maria da Graça

Leia mais

DISTRIBUIÇÃO GEOGRÁFICA DA PÓS-GRADUAÇÃO: ESTUDO DE INDICADORES

DISTRIBUIÇÃO GEOGRÁFICA DA PÓS-GRADUAÇÃO: ESTUDO DE INDICADORES DISTRIBUIÇÃO GEOGRÁFICA DA PÓS-GRADUAÇÃO: ESTUDO DE INDICADORES Maria Helena Machado de Moraes - FURG 1 Danilo Giroldo - FURG 2 Resumo: É visível a necessidade de expansão da Pós-Graduação no Brasil, assim

Leia mais

FORMAÇÃO EM ENGENHARIA NO BRASIL: DISTRIBUIÇÃO REGIONAL DE VAGAS E CURSOS COMPARADOS À POPULAÇÃO E AO PIB

FORMAÇÃO EM ENGENHARIA NO BRASIL: DISTRIBUIÇÃO REGIONAL DE VAGAS E CURSOS COMPARADOS À POPULAÇÃO E AO PIB FORMAÇÃO EM ENGENHARIA NO BRASIL: DISTRIBUIÇÃO REGIONAL DE VAGAS E CURSOS COMPARADOS À POPULAÇÃO E AO PIB Dayane M. Carvalho dayane.carvalho@engenharia.ufjf.br Fernando A. Azevedo Pereira fernando.antonio@engenharia.ufjf.br

Leia mais

O USO DO GEOPROCESSAMENTO NA ANÁLISE DA REALIDADE SOCIAL NO RIO GRANDE DO NORTE

O USO DO GEOPROCESSAMENTO NA ANÁLISE DA REALIDADE SOCIAL NO RIO GRANDE DO NORTE O USO DO GEOPROCESSAMENTO NA ANÁLISE DA REALIDADE SOCIAL NO RIO GRANDE DO NORTE COSTA, A.M.B. 1 ; AMORIM, R.F. 2 ; GOMES, C. 3 ; ALMEIDA, S. A. S. 4 ; CUELLAR, M. 5 ; CARVALHO, M. J. M. 6 ; SILVA, F. M.

Leia mais

Utilização de SIGs na Análise de Irregularidades na Distribuição do Eleitorado no Estado do Rio Grande do Norte nas Eleições Municipais de 2008

Utilização de SIGs na Análise de Irregularidades na Distribuição do Eleitorado no Estado do Rio Grande do Norte nas Eleições Municipais de 2008 Utilização de SIGs na Análise de Irregularidades na Distribuição do Eleitorado no Estado do Rio Grande do Norte nas Eleições Municipais de 2008 Francisco Márcio de Oliveira 2, Igor Saraiva Brasil 1 1 Programa

Leia mais

AS RELAÇÕES EXISTENTES ENTRE EDUCAÇÃO E DESENVOLVIMENTO NO NORDESTE DO BRASIL RESUMO

AS RELAÇÕES EXISTENTES ENTRE EDUCAÇÃO E DESENVOLVIMENTO NO NORDESTE DO BRASIL RESUMO AS RELAÇÕES EXISTENTES ENTRE EDUCAÇÃO E DESENVOLVIMENTO NO NORDESTE DO BRASIL Julliano Carlos Lopes Mendes Pós Graduado em Treinamento de Força e Personal Training Professor da Universidade Estadual de

Leia mais

ENSINO SUPERIOR: MAPEAMENTO DO NÚMERO DE ALUNOS MATRICULADOS NA PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU NO BRASIL

ENSINO SUPERIOR: MAPEAMENTO DO NÚMERO DE ALUNOS MATRICULADOS NA PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU NO BRASIL ENSINO SUPERIOR: MAPEAMENTO DO NÚMERO DE ALUNOS MATRICULADOS NA PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU NO BRASIL Simone Maria da Silva Rodrigues 1 Marta Jeidjane Borges Ribeiro 2 Mário Jorge Campos dos Santos 13

Leia mais

É CORRETO afirmar que essa modalidade de desemprego é conseqüência. A) da adoção de novas tecnologias de produção e gerenciamento industrial.

É CORRETO afirmar que essa modalidade de desemprego é conseqüência. A) da adoção de novas tecnologias de produção e gerenciamento industrial. PROVA DE GEOGRAFIA QUESTÃO 09 Parcela considerável do desemprego que se verifica, atualmente, no mundo, está associada a mudanças estruturais na economia é o denominado desemprego estrutural. É CORRETO

Leia mais

Tema 2 CONAE 2014 Diretrizes gerais para intervenção do PROIFES-Federação na CONAE 2014

Tema 2 CONAE 2014 Diretrizes gerais para intervenção do PROIFES-Federação na CONAE 2014 Tema 2 CONAE 2014 Diretrizes gerais para intervenção do PROIFES-Federação na CONAE 2014 Eixo I O plano Nacional de Educação e o Sistema Nacional de Educação: organização e regulação. Instituir, em cooperação

Leia mais

GRAU DE COBERTURA DOS PLANOS DE SAÚDE E DISTRIBUIÇÃO REGIONAL DO GASTO PÚBLICO EM SAÚDE

GRAU DE COBERTURA DOS PLANOS DE SAÚDE E DISTRIBUIÇÃO REGIONAL DO GASTO PÚBLICO EM SAÚDE GRAU DE COBERTURA DOS PLANOS DE SAÚDE E DISTRIBUIÇÃO REGIONAL DO GASTO PÚBLICO EM SAÚDE Samuel Kilsztajn* Dorivaldo Francisco da Silva** Marcelo Bozzini da Câmara** Vanessa Setsuko Ferreira** RESUMO: O

Leia mais

VIII ENCONTRO NACIONAL DE COORDENADORES DE CURSOS DE FARMÁCIA. Zilamar Costa Fernandes Conselho Federal de Farmácia Brasília, outubro 2012

VIII ENCONTRO NACIONAL DE COORDENADORES DE CURSOS DE FARMÁCIA. Zilamar Costa Fernandes Conselho Federal de Farmácia Brasília, outubro 2012 VIII ENCONTRO NACIONAL DE COORDENADORES DE CURSOS DE FARMÁCIA Zilamar Costa Fernandes Conselho Federal de Farmácia Brasília, outubro 2012 POLÍTICAS EDUCACIONAIS NORTEADORAS DA FORMAÇÃO DE GRADUAÇÃO EM

Leia mais

Keywords: distance education, vocational training and social services.

Keywords: distance education, vocational training and social services. Ensino superior e Serviço Social brasileiro: análise dos cursos de Serviço Social na modalidade de educação à distancia Taiane Alecrim Mattos 1 taianealecrim@gmail.com Modalidade: Eixos temáticos: Palavras-chave:

Leia mais

CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO: EXPERIÊNCIAS NA EDUCAÇÃO SUPERIOR

CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO: EXPERIÊNCIAS NA EDUCAÇÃO SUPERIOR Reunião Regional do Fórum Nacional dos Conselhos Estaduais de Educação FNCEE CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO: EXPERIÊNCIAS NA EDUCAÇÃO SUPERIOR Ciência, Tecnologia e Inovação Ciência (Conhecer) Tecnologia

Leia mais

Luiz Roberto Liza Curi Conselheiro Conselho Nacional de Educação - CNE incolarum@hotmail.com

Luiz Roberto Liza Curi Conselheiro Conselho Nacional de Educação - CNE incolarum@hotmail.com Luiz Roberto Liza Curi Conselheiro Conselho Nacional de Educação - CNE incolarum@hotmail.com 1 Instâncias de Avaliação MEC CNE CONAES SERES INEP CTAA 2 Desafios da educação superior brasileira 1. Como

Leia mais

O Ensino Superior na Região da África Austral Tendências, desafios e recomendações actuais

O Ensino Superior na Região da África Austral Tendências, desafios e recomendações actuais O Ensino Superior na Região da África Austral Tendências, desafios e recomendações actuais Apresentação feita durante a Reunião Extraordinária dos Ministros do Ensino Superior e Formação realizada em Joanesburgo,

Leia mais

Arquivos Catarinenses de Medicina. Distribuição das bolsas de pós-graduação em medicina da CAPES no Brasil

Arquivos Catarinenses de Medicina. Distribuição das bolsas de pós-graduação em medicina da CAPES no Brasil Arquivos Catarinenses de Medicina ISSN (impresso) 0004-2773 ISSN (online) 1806-4280 ARTIGO ORIGINAL Distribuição das bolsas de pós-graduação em medicina da CAPES no Brasil Distribution of medicine postgraduate

Leia mais

Concessão de Bolsas de Estudos para as Universidades do Paraná. Clóvis Pereira UFPR; Clóvis R. Braz - FEPAR

Concessão de Bolsas de Estudos para as Universidades do Paraná. Clóvis Pereira UFPR; Clóvis R. Braz - FEPAR 1 Concessão de Bolsas de Estudos para as Universidades do Paraná 1. Introdução Clóvis Pereira UFPR; Clóvis R. Braz - FEPAR Procedimento importante, dentre outros, para o acompanhamento do desenvolvimento

Leia mais

Centro-Sul Brasileiro

Centro-Sul Brasileiro Centro-Sul Brasileiro 1. (UFSC - 2010) Gráfico elaborado a partir de dados do IBGE, Anuário Estatístico do Brasil, jan. 2001. (Adaptado) Com base no gráfico acima, Brasil: Valor da produção industrial,

Leia mais

AVALIAÇÃO DO CURSO DE ENGENHARIA CIVIL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS DE ACORDO COM O ENADE

AVALIAÇÃO DO CURSO DE ENGENHARIA CIVIL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS DE ACORDO COM O ENADE AVALIAÇÃO DO CURSO DE ENGENHARIA CIVIL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS DE ACORDO COM O ENADE Jéssica Beatriz da Silva jessicabeatriz18@gmail.com Myckelle Michely da Silva Ferreira myckellemichely@hotmail.com

Leia mais

O USO DAS TECNOLOGIAS DE GEOPROCESSAMENTO APLICADAS À GESTÃO DOS TRANSPORTES PÚBLICOS SIG APPLIED IN THE MANAGEMENT OF THE URBAN TRANSPORTS

O USO DAS TECNOLOGIAS DE GEOPROCESSAMENTO APLICADAS À GESTÃO DOS TRANSPORTES PÚBLICOS SIG APPLIED IN THE MANAGEMENT OF THE URBAN TRANSPORTS O USO DAS TECNOLOGIAS DE GEOPROCESSAMENTO APLICADAS À GESTÃO DOS TRANSPORTES PÚBLICOS SILVEIRA, T. A. 1 ; BARROS FILHO, M. B. B. 2. RESUMO: Uma das grandes dificuldades relacionadas à gestão dos transportes

Leia mais

Conversatorio Internacional. La educación tecnológica en Brasil

Conversatorio Internacional. La educación tecnológica en Brasil Conversatorio Internacional "Mitos y verdades sobre la acreditación en la Educación Superior" La educación tecnológica en Brasil Prof. Dr. Rolando V. Vallejos Brasil seguindo o caminho de desenvolvimento

Leia mais

Esta síntese apresenta a linha de base dos indicadores referentes às metas do PNE. O documento consiste em análises descritivas das séries históricas

Esta síntese apresenta a linha de base dos indicadores referentes às metas do PNE. O documento consiste em análises descritivas das séries históricas Esta síntese apresenta a linha de base dos indicadores referentes às metas do PNE. O documento consiste em análises descritivas das séries históricas dos indicadores selecionados pelo Ministério da Educação

Leia mais

TÓPICOS QUE ORIENTAM A JUSTIFICATIVA PARA A DEMANDA (PROINFÂNCIA, CONSTRUÇÃO DE QUADRA COBERTA E COBERTURA DE QUADRA EXISTENTE)

TÓPICOS QUE ORIENTAM A JUSTIFICATIVA PARA A DEMANDA (PROINFÂNCIA, CONSTRUÇÃO DE QUADRA COBERTA E COBERTURA DE QUADRA EXISTENTE) TÓPICOS QUE ORIENTAM A JUSTIFICATIVA PARA A DEMANDA (PROINFÂNCIA, CONSTRUÇÃO DE QUADRA COBERTA E COBERTURA DE QUADRA EXISTENTE) 1. Conceito Trata-se de elaboração de documento que busca demonstrar a necessidade

Leia mais

7ºano 2º período vespertino 25 de abril de 2014

7ºano 2º período vespertino 25 de abril de 2014 GEOGRAFIA QUESTÃO 1 A Demografia é a ciência que estuda as características das populações humanas e exprime-se geralmente através de valores estatísticos. As características da população estudadas pela

Leia mais

1. DISTRIBUIÇÃO DAS INSTITUIÇÕES DE ENSINO SUPERIOR NO TERRITÓRIO NACIONAL POR REGIÕES

1. DISTRIBUIÇÃO DAS INSTITUIÇÕES DE ENSINO SUPERIOR NO TERRITÓRIO NACIONAL POR REGIÕES Nº 72 Fevereiro 2014 Análise da Distribuição Espacial das Instituições de Ensino Superior Brasileiras a partir dos Dados do Censo da Educação Superior de 2011 GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ Cid Ferreira Gomes

Leia mais

Juliana Geyna Régis Auxiliar de Pesquisa Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada - IPEA e-mail: mapas@ipea.gov.br (0xx61 3315-5389) Setembro / 2012

Juliana Geyna Régis Auxiliar de Pesquisa Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada - IPEA e-mail: mapas@ipea.gov.br (0xx61 3315-5389) Setembro / 2012 Juliana Geyna Régis Auxiliar de Pesquisa Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada - IPEA e-mail: mapas@ipea.gov.br (0xx61 3315-5389) Setembro / 2012 O que veremos? Ipea Instituição, missão e divulgação;

Leia mais

PLANO NACIONAL DE EDUCAÇÃO. Esperidião Amin Helou Filho

PLANO NACIONAL DE EDUCAÇÃO. Esperidião Amin Helou Filho PLANO NACIONAL DE EDUCAÇÃO Esperidião Amin Helou Filho 1 PROJETO DE LEI Nº 8.035, DE 2010. Ementa: Aprova o Plano Nacional de Educação para o decênio 2011-2020 e dá outras providências. 2 PROJETO DE LEI

Leia mais

A TRAJETÓRIA DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO NA ÁREA DA SAÚDE

A TRAJETÓRIA DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO NA ÁREA DA SAÚDE A TRAJETÓRIA DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO NA ÁREA DA SAÚDE Ministro da Saúde José Saraiva Felipe Ministro da Educação Fernando Haddad Objetivo apresentar a Trajetória dos Cursos de Graduação na Área da Saúde;

Leia mais

PROJETO DE PESQUISA SOBRE A UTILIZAÇÃO DE AMBIENTES VIRTUAIS DE APRENDIZAGEM COMO APOIO AO ENSINO SUPERIOR EM IES DO ESTADO DE SÃO PAULO

PROJETO DE PESQUISA SOBRE A UTILIZAÇÃO DE AMBIENTES VIRTUAIS DE APRENDIZAGEM COMO APOIO AO ENSINO SUPERIOR EM IES DO ESTADO DE SÃO PAULO 552 PROJETO DE PESQUISA SOBRE A UTILIZAÇÃO DE AMBIENTES VIRTUAIS DE APRENDIZAGEM COMO APOIO AO ENSINO SUPERIOR EM IES DO ESTADO DE SÃO PAULO Silvio Carvalho Neto (USP) Hiro Takaoka (USP) PESQUISA EXPLORATÓRIA

Leia mais

UNIVERSIDADE, EAD E SOFTWARE LIVRE

UNIVERSIDADE, EAD E SOFTWARE LIVRE Universidade Federal de Minas Gerais Elisa Castro Pedro Henrique Ferreira Simas Ricardo Freitas de Paula UNIVERSIDADE, EAD E SOFTWARE LIVRE Belo Horizonte 2011 O Ensino a Distância da Estatística Básica

Leia mais

Educação física. Indicadores das Graduações em Saúde Estação de Trabalho IMS/UERJ do ObservaRH

Educação física. Indicadores das Graduações em Saúde Estação de Trabalho IMS/UERJ do ObservaRH Indicadores das Graduações em Saúde Estação de Trabalho IMS/UERJ do ObservaRH Educação física Inicialmente, a formação de professores de Educação Física adotava dos princípios regidos pelas Forças Armadas.

Leia mais

MAPEANDO AS CORRELAÇÕES ENTRE PRODUTIVIDADE E INVESTIMENTOS DE BOLSAS EM PROGRAMAS DE PÓSGRADUAÇÃO: o caso da Universidade Federal de Goiás

MAPEANDO AS CORRELAÇÕES ENTRE PRODUTIVIDADE E INVESTIMENTOS DE BOLSAS EM PROGRAMAS DE PÓSGRADUAÇÃO: o caso da Universidade Federal de Goiás MAPEANDO AS CORRELAÇÕES ENTRE PRODUTIVIDADE E INVESTIMENTOS DE BOLSAS EM PROGRAMAS DE PÓSGRADUAÇÃO: o caso da Universidade Federal de Goiás Dalton Lopes Martins (UFG) dmartins@gmail.com Arlon Silva (UFG)

Leia mais

UM ESTUDO DE CASO SOBRE A INFLUÊNCIA DA UESB NA REGIÃO SUDOESTE DA BAHIA - BRASIL

UM ESTUDO DE CASO SOBRE A INFLUÊNCIA DA UESB NA REGIÃO SUDOESTE DA BAHIA - BRASIL UM ESTUDO DE CASO SOBRE A INFLUÊNCIA DA UESB NA REGIÃO SUDOESTE DA BAHIA - BRASIL Marialda da Silva Brito (Profª Ms. do Departamento de Geografia/ Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia Brasil/ Doutoranda

Leia mais

DESCONCENTRAÇÃO INDUSTRIAL E EMPREGO NAS REGIÕES METROPOLITANAS DE BELO HORIZONTE, GOIÂNIA E RIO DE JANEIRO.

DESCONCENTRAÇÃO INDUSTRIAL E EMPREGO NAS REGIÕES METROPOLITANAS DE BELO HORIZONTE, GOIÂNIA E RIO DE JANEIRO. DESCONCENTRAÇÃO INDUSTRIAL E EMPREGO NAS REGIÕES METROPOLITANAS DE BELO HORIZONTE, GOIÂNIA E RIO DE JANEIRO. Vivian Fernanda Mendes Merola vfmerola1@gmail.com Universidade de São Paulo Faculdade de Filosofia

Leia mais

CENSO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR 2010

CENSO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR 2010 CENSO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR 2010 Divulgação dos principais resultados Censo da Educação Superior 2010 Outubro de 2011 Estatísticas Básicas de Graduação (presencial e a distância) e Pós-Graduação por Categoria

Leia mais

PROCESSO DE CRIAÇÃO E EXPANSÃO DA PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO-SENSU EM EDUCAÇÃO/EDUCAÇÃO ESPECIAL NO BRASIL

PROCESSO DE CRIAÇÃO E EXPANSÃO DA PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO-SENSU EM EDUCAÇÃO/EDUCAÇÃO ESPECIAL NO BRASIL PROCESSO DE CRIAÇÃO E EXPANSÃO DA PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO-SENSU EM EDUCAÇÃO/EDUCAÇÃO ESPECIAL NO BRASIL SILVA, Régis Henrique dos Reis - NUPEFI/CEPAE/UFG SILVA, Sarah Maria de Freitas Machado - ESEFEGO/UEG

Leia mais

SISTEMA NACIONAL DE AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR SINAES

SISTEMA NACIONAL DE AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR SINAES MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Secretaria de Educação a Distância SEED Departamento de Regulação e Supervisão da Educação a Distância Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira Inep

Leia mais

UTILIZAÇÃO DO MAPA GEOMORFOLÓGICO NO PROCESSO ENSINO- APRENDIZAGEM: UM ESTUDO DE CASO APRENDIZAGEM: UM ESTUDO DE CASO

UTILIZAÇÃO DO MAPA GEOMORFOLÓGICO NO PROCESSO ENSINO- APRENDIZAGEM: UM ESTUDO DE CASO APRENDIZAGEM: UM ESTUDO DE CASO UTILIZAÇÃO DO MAPA GEOMORFOLÓGICO NO PROCESSO ENSINO- Nascimetno, M.D. 1 ; Moura, N.S.V. 2 ; Souza, B.S.P. 3 ; 1 UFRGS Email:mdnascimento@ymail.com; 2 UFRGS Email:nina.moura@ufrgs.br; 3 UFSM Email:bernardosps@yahoo.com.br;

Leia mais

AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR EM MATO GROSSO DO SUL: A RELAÇÃO ENTRE O SISTEMA NACIONAL E O SISTEMA ESTADUAL

AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR EM MATO GROSSO DO SUL: A RELAÇÃO ENTRE O SISTEMA NACIONAL E O SISTEMA ESTADUAL AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR EM MATO GROSSO DO SUL: A RELAÇÃO ENTRE O SISTEMA NACIONAL E O SISTEMA ESTADUAL Resumo Marianne Pereira Souza - UFGD marianne-souza@hotmail.com Giselle Cristina Martins Real

Leia mais

Sistema de Informação Geográfica Aplicado na Agricultura

Sistema de Informação Geográfica Aplicado na Agricultura Universidade Federal do Ceará Centro de Ciências Agrárias Departamento Engenharia Agrícola Pós-Graduação em Engenharia Agrícola Disciplina: Seminário I Sistema de Informação Geográfica Aplicado na Agricultura

Leia mais

EDUCAÇÃO SUPERIOR: AVANÇOS E PERSPECTIVAS

EDUCAÇÃO SUPERIOR: AVANÇOS E PERSPECTIVAS Ministério da Educação Secretaria de Educação Superior Diretoria de Políticas e Programas para a Graduação EDUCAÇÃO SUPERIOR: AVANÇOS E PERSPECTIVAS Brasil : ciclo virtuoso na educação Banco Mundial: Última

Leia mais

Universidade Federal do Ma Pós-Graduação em Eng. Elétrica

Universidade Federal do Ma Pós-Graduação em Eng. Elétrica Universidade Federal do Ma Pós-Graduação em Eng. Elétrica Computação Gráfica II Sistemas de Informação Geográfica Prof. Anselmo C. de Paiva Depto de Informática Introdução aos Sistemas de Informação Geografica

Leia mais

SIG APLICADO AO MEIO AMBIENTE

SIG APLICADO AO MEIO AMBIENTE SIG APLICADO AO MEIO AMBIENTE Prof. Luciene Delazari Grupo de Pesquisa em Cartografia e SIG da UFPR SIG Aplicado ao Meio Ambiente - 2011 GA020- SIG APLICADO AO MEIO AMBIENTE Prof. Luciene S. Delazari -

Leia mais

Mônica Lima Universidade Federal da Bahia Monica Aparecida Tomé Pereira Universidade Federal do Vale do São Francisco

Mônica Lima Universidade Federal da Bahia Monica Aparecida Tomé Pereira Universidade Federal do Vale do São Francisco 349 PERCEPÇÃO DOS ESTUDANTES SOBRE INFRAESTRUTURA DOS CURSOS DE PSICOLOGIA: CONSIDERAÇÕES A PARTIR DO ENADE-2006 Mônica Lima Universidade Federal da Bahia Monica Aparecida Tomé Pereira Universidade Federal

Leia mais

Proposta de Pesquisa. Distance Learning In Brazil: an Overview

Proposta de Pesquisa. Distance Learning In Brazil: an Overview Distance Learning In Brazil: an Overview 1 Brazil Divided into: 5 regions (North, Northeast, Center-West, Southwest e South); 27 States and 5.568 municipalities; Surface: 8.511.925 KM 2 (47% of South America);

Leia mais

AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR NO BRASIL: PRESENCIAL X EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA

AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR NO BRASIL: PRESENCIAL X EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR NO BRASIL: PRESENCIAL X EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA Ribeirão Preto SP Maio de 2013 Márcia Aparecida Figueiredo Centro Universitário Barão de Mauá - e-mail: marciaead@baraodemaua.br

Leia mais

Censo Demográfico 2010. Trabalho e Rendimento Educação e Deslocamento

Censo Demográfico 2010. Trabalho e Rendimento Educação e Deslocamento Censo Demográfico 2010 Trabalho e Rendimento Educação e Deslocamento Rio de Janeiro, 19 de dezembro de 2012 As presentes publicações dão continuidade à divulgação dos resultados do Censo Demográfico 2010

Leia mais

Cursos de Administração: qualidade necessária. XIV Fórum Internacional de Administração

Cursos de Administração: qualidade necessária. XIV Fórum Internacional de Administração Cursos de Administração: qualidade necessária XIV Fórum Internacional de Administração Rio de Janeiro, 18 de maio de 2015 ENSINAR, APRENDER, AVALIAR... TRAJETÓRIA DA AVALIAÇÃO EDUCAÇÃO SUPERIOR CAPES avaliação

Leia mais

Desenvolvimento de educação técnica e científica para a operação de centros de PD&I no Brasil. Carlos Arruda, Erika Barcellos, Cleonir Tumelero

Desenvolvimento de educação técnica e científica para a operação de centros de PD&I no Brasil. Carlos Arruda, Erika Barcellos, Cleonir Tumelero Desenvolvimento de educação técnica e científica para a operação de centros de PD&I no Brasil Carlos Arruda, Erika Barcellos, Cleonir Tumelero Empresas Participantes do CRI Multinacionais Instituições

Leia mais

Crescimento Demográfico no Estado da Bahia, 2000 A 2010:Uma Contribuição Estatístico-Cartográfica

Crescimento Demográfico no Estado da Bahia, 2000 A 2010:Uma Contribuição Estatístico-Cartográfica Barbara-Christine Nentwig Silva Professora do Programa de Pós-graduação em Planejamento Territorial e Desenvolvimento Social/UCSAL e do Programa de Pós-graduação em Geografia/UFBA. Pesquisadora/CNPq Grupo

Leia mais

Avaliação Econômica. O Processo de Seleção de Diretores nas Escolas Públicas Brasileiras

Avaliação Econômica. O Processo de Seleção de Diretores nas Escolas Públicas Brasileiras Avaliação Econômica O Processo de Seleção de Diretores nas Escolas Públicas Brasileiras Objeto da avaliação: adoção de diferentes mecanismos para a seleção de diretores de escolas públicas brasileiras

Leia mais

Brasília, agosto de 2012.

Brasília, agosto de 2012. Brasília, agosto de 2012. Contas de Governo Cap. 4 (Análise Setorial) Execução do gasto Orçamentário (OFSS + RPNP) Gasto tributário (renúncia de receita) Resultado da atuação governamental no exercício

Leia mais

de monitoramento das 5 Metas do Todos Pela Educação

de monitoramento das 5 Metas do Todos Pela Educação De Olho nas Metas 2011Quarto relatório de monitoramento das 5 Metas do Todos Pela Educação Investimentos em Educação: comparação internacional Brasil investiu US$ 2.416 por aluno/ ano em 2008. Média dos

Leia mais

Anais do II Seminário de Atualização Florestal e XI Semana de Estudos Florestais. Deise Regina Lazzarotto

Anais do II Seminário de Atualização Florestal e XI Semana de Estudos Florestais. Deise Regina Lazzarotto SISTEMA DE INFORMAÇÕES GEOGRÁFICAS APLICADO AOS DADOS DO GRUPO DE PESQUISA BIODIVERSIDADE E SUSTENTABILIDADE DE ECOSSISTEMAS FLORESTAIS DE IRATI PR. Deise Regina Lazzarotto Departamento de Engenharia Florestal

Leia mais

ESTUDO TÉCNICO N.º 30/2013

ESTUDO TÉCNICO N.º 30/2013 ESTUDO TÉCNICO N.º 30/2013 Evolução das transferências constitucionais e do Programa Bolsa Família entre os anos 2005 e 2012: uma análise comparativa MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À FOME

Leia mais

O Lugar da Educação Infantil nas Políticas para a Primeira Infância. Rio de Janeiro/RJ Setembro/2015

O Lugar da Educação Infantil nas Políticas para a Primeira Infância. Rio de Janeiro/RJ Setembro/2015 SEMINÁRIO NACIONAL CURRÍCULO E AVALIAÇÃO NA EDUCAÇÃO INFANTIL: POLÍTICAS PARA A PRIMEIRA INFÂNCIA O Lugar da Educação Infantil nas Políticas para a Primeira Infância Rio de Janeiro/RJ Setembro/2015 Secretaria

Leia mais

* Trabalho Apresentado no XV Encontro Nacional de Estudos populacionais, ABEP, realizado em Caxambu MG Brasil, de 18 a 22 de setembro de 2006.

* Trabalho Apresentado no XV Encontro Nacional de Estudos populacionais, ABEP, realizado em Caxambu MG Brasil, de 18 a 22 de setembro de 2006. DEMOGRAFIA E EDUCAÇÃO NO BRASIL: AS DESIGUALDADES REGIONAIS* FERNANDA R. BECKER UERJ Resumo: A População brasileira está se transformando, passando por mudanças significativas nas últimas décadas. Estas

Leia mais

Informativo Comissão Própria de Avaliação URI Erechim

Informativo Comissão Própria de Avaliação URI Erechim Informativo Comissão Própria de Avaliação URI Erechim 7ª edição março 2015 Avaliação Institucional: um ato de consolidação para as universidades! Segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais

Leia mais