GOVERNO DO ESTADO UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PIAUÍ UESPI VESTIBULAR PROVA III Tipo 3. Geografia História. DATA: 19/01/2004 HORÁRIO: 8h às 11h 30

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "GOVERNO DO ESTADO UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PIAUÍ UESPI VESTIBULAR 2004. PROVA III Tipo 3. Geografia História. DATA: 19/01/2004 HORÁRIO: 8h às 11h 30"

Transcrição

1 GOVERNO DO ESTADO UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PIAUÍ UESPI VESTIBULAR 2004 PROVA III Tipo 3 LEIA AS INSTRUÇÕES: Geografia História DATA: 19/01/2004 HORÁRIO: 8h às 11h Você deve receber do fiscal o material abaixo: a) Este caderno com 60 questões objetivas sem repetição ou falha. b) Uma FOLHA DE RESPOSTA destinada às respostas objetivas da prova. 2. Verifique se este material está em ordem e se seus dados pessoais conferem com os que aparecem na FOLHA DE RESPOSTA. 3. Após a conferência, você deverá assinar, no espaço próprio da FOLHA DE RESPOSTA utilizando caneta esferográfica de tinta azul ou preta. 4. Na FOLHA DE RESPOSTA, a marcação das letras, correspondentes às respostas de sua opção, deve ser feita preenchendo todo o espaço compreendido. 5. Tenha muito cuidado com a FOLHA DE RESPOSTA, para não dobrar, amassar ou manchar, pois esta é personalizada e em hipótese alguma poderá ser substituída. 6. Para cada uma das questões são apresentadas cinco alternativas classificadas com as letras (A), (B), (C), (D) e (E); somente uma responde adequadamente ao quesito proposto. Você deve assinalar apenas uma alternativa para cada questão: a marcação em mais de uma alternativa anula a questão, mesmo que uma das respostas esteja correta; também serão nulas as marcações rasuradas. 7. As questões são identificadas pelo número que fica à esquerda de seu enunciado. 8. Os fiscais não estão autorizados a emitir opinião nem a prestar esclarecimentos sobre o conteúdo das provas. Cabe única e exclusivamente ao candidato interpretar e decidir. 9. Reserve os 30(trinta) minutos finais para marcar sua FOLHA DE RESPOSTA. Os rascunhos e as marcações assinaladas no CADERNO DE QUESTÕES não serão levados em conta. 10. Quando terminar, entregue ao Fiscal o CADERNO DE QUESTÕES, FOLHA DE RESPOSTA e assine a LISTA DE FREQÜÊNCIA. 11. O TEMPO DISPONÍVEL PARA ESTA PROVA É DE 3h Por motivos de segurança você somente poderá ausentar-se da sala de prova após decorrida uma hora do início da mesma.

2 Geografia 01. É preocupante a perspectiva anunciada por um importante assessor econômico do presidente Vladimir Putin, de que a Rússia não ratificará o Protocolo de Kyoto. (...) Em sua forma atual, o Protocolo de Kyoto coloca limitações significativas ao crescimento econômico da Rússia, afirmou, em Moscou, Andrei Illarionov. (Editorial da Folha de São Paulo, 3/12/2003) O Protocolo mencionado no texto trata: A) da limitação das armas nucleares na Europa. B) da extinção do Tratado do Atlântico Norte. C) da retomada do Pacto de Varsóvia. D) da redução dos investimentos econômicos na Rússia. E) do combate ao aquecimento gradual do planeta Terra. 02. No período pós-ii Guerra Mundial, especialmente a partir da década de 50, aparecem, em vários países, complexos industriais e empresas multinacionais. As indústrias químicas e eletrônicas crescem. Os avanços da automação, da informática e da biotecnologia são incorporados ao processo produtivo, que passa a depender cada vez mais de mão-de-obra especializada. Esses fatos concretizaram: A) a Guerra Fria B) a Revolução Industrial na Europa Oriental C) a Terceira Revolução Industrial D) o fim do Socialismo Real na Europa Meridional E) a Revolução Cultural Chinesa. 04. Em novembro de 2003, o IBGE divulgou dados relativos ao crescimento da economia brasileira no terceiro semestre do ano. O que se pode dizer sobre esse assunto? 1) Pela primeira vez, em dez anos, o crescimento do PIB chegou à casa dos 8%, gerando novos empregos e diminuindo, assim, a dependência do País ao capital financeiro internacional. 2) Houve uma expansão, discreta, da indústria e dos investimentos. 3) Ocorreu uma queda considerável das exportações brasileiras. 4) A economia do país continua imersa em crise, não havendo, ainda, sinais marcantes da retomada do crescimento econômico. 5) O desemprego, especialmente na região nordeste, caiu bastante, o que pode significar o início do pleno emprego, especialmente no setor primário da economia. Está(ão) correta(s): A) 2 apenas B) 5 apenas C) 1 e 4 apenas D) 2 e 4 apenas E) 1, 2, 3 e Observe atentamente o desenho esquemático a seguir. A 03. Analise as afirmativas a seguir referentes aos organismos internacionais. 1) Os blocos econômicos são associações de países com o objetivo de estabelecer relações comerciais privilegiadas entre si. 2) Os blocos econômicos só surgiram após a queda do Muro de Berlim, que extinguiu o conflito Leste- Oeste no hemisfério norte. 3) O Mercado Comum possibilita a livre circulação de serviços, capitais e das pessoas no interior de um bloco econômico. 4) O chamado Grupo dos Oito (G8) é formado pelos sete países mais industrializados do planeta e pela China, país que, mesmo marxistaleninista, adota o pluripartidarismo. 5) O ingresso da China na Organização Mundial do Comércio (OMC) teve um significado especial para esse organismo pois esse país é o maior mercado consumidor do planeta. Está(ão) correta(s): A) 1 apenas B) 5 apenas C) 1, 2 e 3 apenas D) 1, 3 e 5 apenas E) 1, 2, 3, 4 e 5 Sobre essa paisagem, é correto afirmar que: A) inexiste no Nordeste brasileiro paisagem similar a essa, pois não há, no território nordestino, terrenos sedimentares jovens. B) o vale A é uma feição de relevo de caráter tectônico. C) o vale A foi originado por um amplo dobramento que atingiu as camadas rochosas. D) essa paisagem é típica de bacias sedimentares que se encontram em fase de erosão. E) as escarpas que enquadram o vale A são todas de falha.

3 06. Existem na crosta terrestre rochas que foram formadas pela acumulação e consolidação de materiais detríticos, oriundos de outros corpos rochosos, em meio aquático ou sub-aéreo. Que denominação é dada a essas rochas? A) Quartzitos B) Metamórficas C) Basaltos colunares D) Sedimentares E) Magmáticas intrusivas. 07. O chamado Planalto das Araucárias é uma porção do Brasil composta de quatro grandes unidades geomorfológicas distintas e um clima que a diferencia consideravelmente das demais regiões brasileiras. Identifique esse tipo climático entre as opções a seguir. A) Subtropical B) Frio C) Temperado Continental D) Tropical Continental E) Subequatorial 08. As afirmativas a seguir referem-se direta ou indiretamente a um importante assunto estudado pela Geografia, que é o efeito estufa. Analise-as. 1) A composição de CO 2, na atmosfera, atualmente é bem maior do que aquela existente na era préindustrial. 2) As emissões de gases responsáveis pelo aumento do efeito estufa estão relacionadas a diversas atividades desenvolvidas pelo homem. 3) A queima de combustíveis fósseis e o desmatamento são duas das principais fontes do aumento de CO 2 na atmosfera. 4) O efeito estufa é uma característica natural de várias atmosferas planetárias e não apenas da atmosfera terrestre. 5) O aumento considerável de CO 2 na atmosfera terrestre poderá implicar uma mudança climática global no planeta Terra. Estão corretas: A) 1 e 5 apenas B) 2 e 5 apenas C) 1,2 e 3 apenas D) 1, 2, 3 e 5 apenas E) 1, 2,3, 4 e Leia atentamente as informações fornecidas a seguir. O clima dessa parte do território brasileiro é quente e úmido, com temperaturas variando entre 22 C e 29 C. A umidade relativa do ar é bastante elevada, podendo chegar a superar 91% durante vários meses. Essa umidade excessiva revela uma estreita relação com o regime pluviométrico regional. Praticamente não há estação seca. Em face dessas condições climáticas ambientais, dominam florestas latifoliadas e perenifólias. Com base nessas informações do quadro natural, é correto dizer que essa área é: A) o Vale norte do Parnaíba. B) a Região do Pantanal C) o Vale do Paraíba do Sul D) a Zona da Mata nordestina E) a Região Ocidental da Amazônia. 10. Sobre a Região Nordeste do Brasil, analise as afirmativas a seguir. 1) As grandes unidades de relevo regionais estão bastante relacionadas com os terrenos do complexo cristalino pré-cambriano e com as coberturas sedimentares. 2) No processo de integração produtiva à economia nacional, transferiu-se uma grande massa de capitais para o Nordeste, com a implantação de vários centros industriais. 3) A maioria dos problemas ambientais do Nordeste deriva exclusivamente de fenômenos naturais, que não sofrem a interferência antrópica. 4) A questão agrária no Nordeste vem sendo agravada, nas últimas décadas, pelo modo como têm se expandido as relações capitalistas de produção no campo. 5) A semi-aridez verificada no Sertão nordestino é uma decorrência exclusiva do relevo movimentado existente na porção oriental da Região, que interfere na circulação atmosférica regional. Estão corretas: A) 1, 2, 3, 4 e 5 B) 1, 2 e 4 apenas C) 3, 4 e 5 apenas D) 2 e 4 apenas E) 1 e 4 apenas. 11. Uma determinada ponte tem uma extensão de 14 km. Vamos supor que ela precisa ser representada, para estudos de Geografia dos Transportes, numa carta topográfica confeccionada na escala de 1: Qual será a sua extensão nessa carta? A) 10 cm B) 140 cm C) 11 cm D) 14 cm E) 10,4cm. 12. O processo de globalização abrange o espaço geográfico de forma muito desigual, ou seja, atinge com mais intensidade alguns países em detrimento de outros. Sobre esse assunto, analise as afirmativas apresentadas a seguir. 1) Na chamada periferia do capitalismo, os países que mais interessam aos agentes que comandam a globalização são os emergentes. 2) Diversos elementos da globalização materializam-se nas paisagens culturais dos lugares onde as pessoas vivem. 3) Os países que comandam o processo de globalização apresentam alta produtividade e são grandes mercados consumidores. 4) A doutrina econômica que rege, na atualidade, o processo de globalização é o neoliberalismo, que foi esboçada inicialmente por Marx e Engels, na Alemanha. 5) O processo de globalização é um fenômeno que foi determinado pelo colapso do socialismo na Europa, e não se associa, obrigatoriamente, à expansão do capitalismo. Estão corretas: A) 1 e 5 apenas B) 3 e 4 apenas C) 1, 2 e 3 apenas D) 2, 3 e 5 apenas E) 1, 2, 3 e 4.

4 13. Observe a figura a seguir e identifique o tipo de projeção em que o mapa foi confeccionado. 5 o 0 o -5 o -10 o -15 o -20 o -25 o -30 o -75 o -70 o -65 o -60 o -55 o -50 o -45 o -40 o -35 o 15. Leia o texto a seguir e identifique, no mapa, o País em questão. A população iraquiana, como não poderia deixar de ser, vive uma situação generalizada de desconfiança e desalento em relação ao futuro. Segundo levantamento realizado pelo Oxford Research International, em colaboração com as universidades de Dohuk e Bagdá, perto de 80% dos habitantes do Iraque não confiam nem nas tropas de ocupação nem na Autoridade Provisória da Coalizão que tenta governar o País. A) 4 B) 5 C) 8 D) 9 E) Examinando o mapa do Brasil apresentado a seguir, é correto afirmar que nas áreas escuras: -35 o A) Projeção Azimutal Polar B) Projeção Policônica C) Projeção Cilíndrica D) Projeção Polar Cilíndrica E) Projeção de Robinson As duas questões a seguir deverão ser respondidas a partir da observação do mapa abaixo A) predominam rochas cristalinas pré-cambrianas. B) não existem indícios de fenômenos tectônicos. C) os climas são tropicais. D) dominam rochas sedimentares. E) afloram terrenos dos escudos, que têm idade cenozóica. 9 Oceano Índico 14. O secretário de Estado dos EUA, Collin Powell, considerou que o foco imediato da OTAN deve estar no Afeganistão, e pediu à Aliança Atlântica que assuma o comando da operação de busca de talibãs e membros da rede terrorista al-qaeda naquele país, onde a Aliança tem participado em missão de paz, comandando uma força de membros. (Notícia extraída do jornal O Globo, edição de 5/12/2003) 17. De acordo com essa teoria, o acentuado nível de crescimento demográfico nos países pobres seria a causa principal de problemas como o esgotamento dos recursos naturais da Terra e o desemprego. A teoria em apreço é a Teoria : A) neoliberal. B) neo-marxista. C) neomalthusiana. D) marxista-leninista. E) do Desenvolvimento Sustentável. Identifique, com base no mapa, o país a que se refere Collin Powell. A) 1 B) 2 C) 3 D) 4 E) 5

5 18. Em dezembro de 1959, foi criada a Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (SUDENE). Dentre os principais objetivos estabelecidos para aquele importante órgão, podem ser mencionados os seguintes, exceto: A) supervisionar a assistência técnica e financeira concedida à Região Nordeste. B) elaborar políticas de planejamento, visando diminuir as disparidades regionais entre o Nordeste e o Centro-Sul. C) diminuir os efeitos negativos provocados pelas adversidades climáticas sobre a economia agrícola regional. D) coordenar os investimentos públicos a serem aplicados na Região. E) priorizar as atividades do setor agropecuário em detrimento das atividades do setor secundário da economia regional. 19. Identifique, dentre as opções abaixo, aquela que menciona a propriedade fundiária definida a seguir. Imóvel que explorado, racionalmente ou não, possui dimensão superior a 600 módulos da região em que se situa. A) Empresa Rural B) Latifúndio por Dimensão C) Sistema de Plantation D) Latifúndio por Exploração E) Minifúndio por Extensão. (Estatuto da Terra) 20. No Estado do Piauí, já foram criados dois Parques Nacionais, o de Sete Cidades e o da Serra da Capivara. Ambos possuem um extenso patrimônio natural e arqueológico, de grande importância para o país. O Parque de Sete Cidades está situado em: A) terrenos vulcânicos pré-cambrianos. B) terrenos metamórficos do cenozóico. C) terrenos sedimentares paleozóicos. D) áreas de clima tropical de altitude. E) áreas do Escudo Brasileiro. 21. Os cerrados piauienses representam a fronteira agrícola de ocupação menos onerosa a uma alternativa bastante coerente e promissora para contribuir significativamente para a produção de alimentos, como grãos, oleaginosas e produtos animais... (TORRES, Wilson Costa. Cerrados Piauienses - O celeiro de alimentos em exploração). Sobre esse assunto, analise as proposições a seguir: 1) Os cerrados são um bioma característico de ambientes quentes, que possuem climas equatoriais e solos argilosos. 2) A distribuição espacial dos cerrados, no Estado do Piauí, está concentrada sobretudo na parte meridional e no sudoeste. 3) Os municípios que se destacam, no Piauí, na produção de grãos, em áreas de cerrados, são Uruçuí, Ribeiro Gonçalves, Bertolínia, Santa Filomena, Gilbués e Antônio Almeida. 4) Foram concretizados, na região dos cerrados piauienses, grandes projetos voltados à plantação de arroz, soja, feijão, milho e à pecuária de corte. 5) Os solos dos cerrados piauienses, ao contrário daqueles verificados no Brasil Central, não apresentam limitações às atividades agrícolas; são solos férteis e bem desenvolvidos. Estão corretas apenas A) 1 e 4 B) 2 e 5 C) 2,3 e 5 D) 2, 3 e 4 E) 1, 2, 3 e Um dos marcos da história contemporânea foi a chamada Guerra do Yom Kippur, a mais importante guerra entre Israel e seus vizinhos, ocorrida em Uma das afirmativas abaixo menciona um efeito dessa guerra sobre o espaço geográfico. Assinale-o. A) Enfraquecimento da OPEP. B) Diminuição da inflação no Brasil. C) Diminuição da influência da URSS no Oriente Médio e na África. D) Primeira Crise do Petróleo. E) Diminuição das exportações dos Estados Unidos para o Norte da África. 23. A poluição atmosférica é um dos mais sérios problemas ambientais enfrentados pelas populações que residem nas grandes cidades do mundo. Esse tipo de poluição causa diversas doenças e seus efeitos perniciosos agravam-se quando: A) ocorrem pesados aguaceiros. B) acontece uma inversão térmica. C) os ventos ficam mais fortes e úmidos. D) no oceano, as águas superficiais ficam mais quentes. E) ocorre o fenômeno El Niño. 24. De acordo com a teoria da Tectônica de Placas, a litosfera encontra-se dividida em várias placas, cada qual comportando-se como uma unidade geológica mais ou menos rígida. Sobre esse assunto, é incorreto afirmar que: A) uma placa litosférica é o mesmo que massa continental e se desloca como um efeito do movimento de rotação da Terra. B) existem placas de grandes dimensões e placas menores, como por exemplo a placa do Caribe. C) há placas que se limitam com outras através de dorsais oceânicas, como a dorsal do Atlântico. D) as fossas submarinas indicam a área onde um placa mergulha sob a outra. E) as correntes de convecção do manto são responsáveis pela ruptura e migração das placas litosféricas.

6 25. Sobre a formação e as características dos blocos econômicos, é correto afirmar que: 1) os blocos formados a partir de tratados de zona de livre comércio são os que, em geral, apresentam menor grau de integração. 2) o estabelecimento de blocos econômicos agilizou o comércio mundial; antes da existência desses blocos, os produtos originados de outro país quase sempre chegavam ao consumidor com o preço elevado. 3) o fim da divisão geopolítica bipolar estimulou a regionalização da economia e a formação dos blocos econômicos. 4) a antiga bipolarização entre os Estados Unidos e os países alinhados à URSS cedeu lugar à multipolarização, ou seja, à divisão do poder entre grandes blocos econômicos. 5) na união econômica e monetária há um imposto comum para produtos vindos de fora do bloco econômico. Estão corretas: A) 1 e 3 apenas B) 3 e 4 apenas C) 1, 2 e 5 apenas D) 3, 4 e 5 apenas E) 1, 2, 3, 4 e Observe o mapa a seguir. O que ele está representando? 27. Os carvões brasileiros originaram-se durante a era paleozóica. Apresentam, contudo, uma série de características desfavoráveis, tais como as que citamos abaixo, exceto: A) baixo poder calorífico. B) jazidas geralmente profundas. C) constituem-se, em geral, em camadas finas, intercaladas com material arenítico. D) só surgem em terrenos metamórficos e contêm pequena quantidade de cinzas. E) grande quantidade de enxofre. 28. Das diversas modalidades de carvão mineral encontradas na crosta terrestre, uma notabiliza-se por queimar lentamente e ter um grande poder calorífico e 90% de carbono. Assinale- a. A) Turfa B) Linhito C) Betume D) Hulha E) Antracito. 29. O êxodo rural, no Brasil, foi mais acentuado entre as décadas de 50 e 80 do século XX. Esse foi um período em que: A) as migrações pendulares diminuíram, sobretudo nos grandes centros urbanos da Região Sudeste. B) as maiores metrópoles brasileiras atuaram como pólos de atração populacional. C) as atividades agrícolas no Centro-Oeste e no Nordeste do país foram intensificadas, fixando o homem ao campo. D) diminuiu o processo de favelização das áreas urbanas brasileiras. E) as migrações, no país, passaram a ser predominantemente do tipo sazonais. 30. Existe um tipo de processo racional de conservação do solo que consiste em dividir a área utilizada para atividades agrícolas em quatro partes. Duas delas são cultivadas com espécies diferentes. Na terceira, faz-se a pecuária, e a última permanece em repouso ou em adubação verde. De tempos em tempos, faz-se uma troca da localização de cada uma das atividades. Identifique esse processo. A) As grandes zonas agrícolas. B) As grandes manchas de solos. C) Os domínios morfoclimáticos. D) Os domínios estruturais. E) As grandes zonas de pecuária intensiva e extensiva. A) Rotação de terras e culturas. B) Sistema de Plantation. C) Sistema de plantio em curvas de nível. D) Agricultura de vazante E) Sistema de queimadas em vertentes íngremes.

7 História. 31. A sociedade hebraica teve a religião como suporte fundamental para a construção da identidade cultural. Não se pode esquecer também, na época dos profetas, entre os séculos VIII e VII a.c., que a religião: A) era politeísta, tendo em Abraão seu grande líder e intermediário nas revelações divinas. B) adotou a monoteísmo, com a liderança corajosa de Moisés, que enfrentou a perseguição egípcia. C) dividiu-se em três: a dos essênios, a dos saduceus e a dos fariseus. D) sofreu influência dos persas, acreditando na ressurreição da alma e no paraíso. E) adquiriu um conteúdo ético, pois os profetas denunciaram as injustiças sociais. 32. É inegável a contribuição de Aristóteles para a filosofia ocidental. Conviveu com Platão durante vinte anos, mas se destacou pela amplitude da sua obra. Aristóteles: A) defendeu uma sociedade política democrática, governada por filósofos. B) não concordou com a teoria platônica do mundo das idéias. C) criticou os sofistas, defendendo o relativismo moral. D) era contra a escravidão, defendendo a cidadania para todos. E) não conseguiu formular um pensamento original, devido às suas concepções idealistas. 33. Roma, capital do maior império da Antigüidade, tinha uma vida agitada que lembra alguns problemas vividos pelas cidades modernas. Em Roma: A) apesar da grande população, não havia problemas de falta de moradia. B) o lazer não tinha uma papel significativo, não sendo comuns espetáculos públicos. C) havia reclamações contra a violência e os transtornos causados pelo trânsito. D) não havia o desequilíbrio econômico que marca algumas cidades modernas. E) as mulheres tinham liberdade e não dependiam dos seus maridos. 34. A sociedade feudal tinha uma hierarquia social rígida, onde o clero e a nobreza gozavam de privilégios especiais. Com relação aos servos, podemos afirmar que: A) não tinham privilégios; tinham o status jurídico de escravos. B) pagavam tributos apenas às ordens religiosas mais ricas. C) tinham liberdade para mudar de senhor quando desejassem. D) prestavam serviços gratuitos aos senhores e pagos, à Igreja Católica. E) recebiam proteção do seu senhor, em caso de guerra. 35. O amplo domínio da Igreja Católica, na Idade Média, se dava também no campo da produção cultural. O pensamento cristão teve figuras importantes como Santo Tomás de Aquino, que: A) seguidor de Platão, defendia a divisão da riqueza social. B) defendia o livre arbítrio, contrapondo-se à teoria da predestinação de Santo Agostinho. C) foi contemporâneo de Santo Anselmo, com quem estabeleceu as bases da Escolástica. D) apoiou a instalação da tribunal da Inquisição para julgar os hereges e pecadores. E) formulou as idéias básicas do luteranismo e do calvinismo. 36. A cultura muçulmana teve destaques que expressam não apenas sua dedicação à guerra e à formação de impérios. Podemos também destacar, como expressões da produção cultural muçulmana: A) os poemas de Avicena, bastante conhecidos no mundo ocidental. B) As Mil e uma Noites, obra literária muito divulgada no mundo ocidental. C) a obra marcante do historiador Omar Khayyam. D) sua arquitetura, que conseguiu se livrar das influências religiosas. E) as reflexões do filósofo Averróis, seguidor da teorias de Platão. 37. A Reforma Protestante abalou os alicerces de dominação da Igreja Católica, tendo forte impacto nas relações de poder existentes na época. Com relação às idéias de Lutero, podemos afirmar que: A) tinham grande originalidade, pois atacam os princípios básicos do catolicismo. B) eram revolucionárias socialmente, pois defendiam a igualdade entre os homens. C) tinham grande influência das formulações teológicas de Santo Agostinho. D) defendiam a supremacia do livre-arbítrio sobre a fé, com base na escolástica medieval. E) foram aceitas em toda a Europa, sem grande resistência pelos católicos rebeldes. 38. A atuação da Companhia de Jesus, fundada por Inácio de Loyola, foi importante para a Igreja Católica, que sofria ataques dos reformistas protestantes. Os jesuítas: A) tinham uma organização interna democrática e desprezavam as hierarquias. B) tiveram atuação marcante nas colônias inglesas situadas na América. C) restringiram-se aos trabalhos de catequese dos indígenas da América do Sul, sem maiores repercussões em outros setores. D) foram grandes divulgadores do catolicismo, destacando-se sua atuação nas colônias dos portugueses. E) seguiam princípios de ação dos franciscanos, pregando a humildade e a distância do poder.

8 39. Não se pode negar a importância dos descobrimentos marítimos para a expansão da dominação européia pelo mundo. Nesse processo, destacam-se a Espanha e Portugal, que: A) mantiveram a supremacia política sobre os outros países europeus, durante os séculos XVI e XVII. B) conseguiram, de imediato, encontrar riquezas nas suas colônias, as quais aumentaram seu poderio econômico. C) já tinham o controle do comércio no Atlântico, desde o século XIV, com a venda de especiarias orientais. D) contaram com a ajuda da Inglaterra para seus grandes empreendimentos marítimos. E) conquistaram territórios na América, firmando impérios coloniais. 40. O conde de Nassau, tão amado por uns quanto odiado por outros, sabia ter chegado a hora da sua partida. Conduzindo sua administração de modo muito pessoal, ele estava descontente com o descaso e a cobiça da Companhia das Índias Ocidentais, que exigia lucros mas relutava em enviar recursos para novos investimentos em Pernambuco (Pedro Puntoni, A guerra dos holandeses). A partir da análise feita acima pelo historiador, podemos afirmar que: A) Nassau conseguiu boas relações com brasileiros, mas fracassou na tentativa de expandir os domínios territoriais dos holandeses. B) havia choque de interesses na condução dos negócios holandeses, apesar dos êxitos conseguidos por Nassau. C) Nassau tinha ambições pessoais e articulações com senhores de engenho, para ficar definitivamente em Pernambuco. D) o comércio de açúcar estava em crise; daí o desinteresse de Nassau com os negócios no Brasil. E) A presença holandesa foi um fracasso total, e Nassau tinha planos de deixar o Brasil. 41. Portugal teve dificuldades iniciais para a ocupação do imenso território brasileiro. Com relação às estratégias de Portugal para ocupar o território, podemos afirmar que: A) o sistema de capitania conseguiu uma boa ocupação do litoral, alcançando o esperado. B) as primeiras expedições feitas ao território, que hoje corresponde ao Estado do Piauí, ocorreram com o fim de aprisionar índios. C) não houve interesse com a ocupação inicial do território, pois não havia ameaça da presença e da invasão estrangeira. D) a busca de ouro animou as primeiras expedições exploradoras, ajudando a fixação das capitanias. E) o sistema de capitanias facilitou a ocupação do território, sobretudo, nas regiões Norte e Nordeste. 42. A economia mercantilista dava suporte ao absolutismo político. Para seu funcionamento, era decisivo o controle do Estado. Podemos afirmar que o mercantilismo e o absolutismo se completavam. Nesse contexto: B) houve mudanças de práticas econômicas, contrariando o justo preço defendido pela Igreja. C) era proibido o monopólio de preços, prevalecendo o livre mercado e a concorrência. D) não havia preocupação com o equilíbrio da balança comercial por parte do Estado. E) a burguesia não conseguiu espaços para seus negócios, sendo perseguida pelos reis. 43. Leia as afirmações abaixo relacionadas com as rebeliões havidas no Brasil colônia. 1) A Inconfidência Mineira tinha ideais claramente republicanos. 2) A Inconfidência Mineira foi um movimento liderado apenas pelo clero da época. 3) A revolta dos Alfaiates contou com expressiva participação popular. 4) Os movimentos libertários foram controlados por Portugal. 5) A escravidão dificultou uma maior mobilização contra Portugal. Estão corretas apenas: A) 1 e 2 B) 1, 3 e 5 C) 3, 4 e 5 D) 2 e 4 E) 2, 3 e A ditadura jacobina trouxe inúmeras perseguições políticas aos chamados inimigos da Revolução Francesa. Com os jacobinos no poder: A) houve a supremacia do grupo político liderado por Danton. B) prevaleceu a existência das liberdades democráticas para todos. C) terminou prevalecendo a presença marcante de Robespierre nas decisões políticas. D) promulgou-se a Declaração Universal dos Direitos do Homem. E) as idéias de Voltaire serviram de base para as decisões políticas. 45. As mudanças trazidas pela Revolução Industrial foram fundamentais para consolidar o modo de produção capitalista. Houve resistência dos artesãos e toda a sociedade teve que adaptar-se a um novo tipo de convivência, onde o valor de troca das mercadorias tornou-se fundamental. Dentro dessa perspectiva, podemos afirmar que: A) o capitalismo se expandiu rapidamente por toda a Europa, sem maiores dificuldades. B) a Inglaterra e Itália formaram a base do capitalismo, já no início do século XIX. C) a expansão do capitalismo, no século XIX, limitou-se aos países centrais da Europa, como França e Bélgica. D) a expansão da capitalismo exigia disputas por novos mercados e novas técnicas de produção. E) não há relação entre as mudanças econômicas e políticas promovidas pelo capitalismo. A) a agricultura era considerada a atividade mais importante, recebendo, por isso, ajuda do Estado.

9 46. A vinda da corte real portuguesa trouxe mudanças na vida política e social do Brasil. Houve reações claras vindas da metrópole, com receio de que o rei de Portugal fixasse definitivamente moradia no Brasil. Uma dessas reações, a Revolução do Porto, de 1820: A) propôs medidas de recolonização do Brasil. B) defendeu a independência do Brasil, desde que o rei voltasse para Portugal. C) não conseguiu êxitos políticos nas suas reivindicações. D) foi liderada por conservadores, contrários aos ideais do liberalismo e a favor do absolutismo. E) teve o apoio do governo francês. 47. Depois que Saraiva a deixou, Teresina já era uma bela cidade de ruas alinhadas, crescendo a olhos vistos, cada ano surgindo uma nova atração; comércio centralizado e em expansão, com seu serviço público sempre em atividade (Pe. Cláudio Melo. Duas Capitais Piauí. Formação. Desenvolvimento. Perspectiva.) A avaliação feita no texto citado acima enaltece o crescimento constante de Teresina, que: A) apesar das disputas com Oeiras, conseguiu modernizar-se em muitos aspectos. B) na verdade, apenas teve um lugar administrativo de destaque. C) se tornou um pólo industrial, apesar do fracasso inicial da Fábrica de Fiação e Tecidos. D) apesar da modernização, não se tornou a cidade mais importante do Piauí, no século XIX. E) não conseguiu explorar a navegação, tão importante para sua economia. 48. Fala-se que mais de 90% das cidades paulistas resultaram da cultura cafeeira, mas nessa afirmação há algum exagero. Paralelamente às cidades nascidas com o café, sobretudo aquelas das frentes pioneiras, havia núcleos já existentes e que se desenvolveram em função do comércio, do pouso de tropa, do cultivo de arroz e da cultura do algodão; porém acabaram por se consolidar de fato pela cultura cafeeira. (Ana Luisa Martins, O Império do café).. A análise acima feita sobre a importância da cafeicultura mostra sua relação com o crescimento das cidades; mas podemos acrescentar que: A) a agricultura cafeeira sustentou, basicamente, a economia do império, desde os anos 20, pois era muito presente no oeste paulista. B) a mão-de-obra escrava não teve muita importância para a produção cafeeira, devido à presença de imigrantes europeus. C) a lavoura cafeeira não tinha semelhanças com a lavoura da cana-de-açúcar, pois possuíam estruturas de produção bem diferentes. D) os fazendeiros do café exerceram pouca influência no governo imperial. E) o desenvolvimento da cafeicultura tem relações com aspectos relevantes da modernização no Brasil do século XIX. 49. A vitória política da burguesia não impediu que formas de resistência ao capitalismo se fizessem presentes na sociedade européia e se divulgassem pelo mundo. As críticas de Karl Marx destacaram-se na análise crítica do sistema capitalista, pois: A) ressaltam suas contradições e as desigualdades sociais que permanecem, apesar da produção das riquezas. B) têm conteúdo basicamente em defesa da democracia operária e do sistema de poder descentralizado. C) assumem princípios anarquistas, que defendem o fim do Estado e dos partidos políticos. D) defendem o crescimento industrial, baseado em cooperativas, sob o controle de sindicatos. E) não viram nenhum mérito no sistema capitalista, apenas ressaltando suas contradições políticas. 50. A partir de uma análise histórica da sociedade piauiense do século XIX, nos aspectos econômicos e políticos, podemos afirmar que: A) havia uma grande massa de escravos nas principais cidades, que ameaçavam a ordem social, com rebeliões articuladas com o movimento republicano. B) o trabalho escravo não era utilizado com muito destaque na pecuária, embora fosse muito utilizado nos grandes latifúndios; daí o grande impacto que teve a abolição na economia. C) somente na indústria extrativa vegetal havia presença destacada da mão-de-obra escrava. D) a chegada República não trouxe mudanças imediatas importantes na sua estrutura social. E) apesar da rigidez da estrutura social, a escravidão no Piauí não teve a dimensão que teve em outra regiões, como Pernambuco e Bahia. 51. Na década de 1870, essa região era conhecida como um lugar, cujos habitantes pitavam cachimbos estranhos de barro encaixados em canudos de um metro de comprimento. Daí o nome do lugar, Canudos. Em 1890, a fazenda que ali existia estava em ruínas: restavam apenas as paredes da casa do proprietário e as da capela, rodeada por cerca de cinqüenta casebres de pau-a-pique (Antônio Carlos Olivieri, Canudos). Essa é uma concisa descrição da região de Canudos, onde ocorreu um episódio sangrento que marcou os primeiros anos da República. Sobre a guerra de Canudos, podemos afirmar que: A) foi um movimento político, liderado por Antônio Conselheiro, que ameaçou o governo republicano, com seus ideais anarquistas. B) teve importância política; mas não se pode negar a influência marcante da religião entre os rebeldes. C) teve repercussão restrita aos sertões da Bahia, tornando-se conhecida depois, devido ao escritor Euclydes da Cunha. D) foi uma rebelião de fanáticos religiosos, facilmente controlada pela força dos exércitos republicanos. E) representou um protesto localizado contra a república e sua política contrária à reforma agrária sugerida pelos rebeldes.

10 52. Leia as afirmativas referentes às mudanças trazidas pelos primeiros anos de República no Brasil. 1) A República trouxe a desmontagem das oligarquias regionais, inclusive no Piauí. 2) A Constituição de 1891 não trouxe ideais democráticos importantes para a sociedade. 3) O sistema eleitoral não conseguiu agilizar a convivência democrática que se esperava com a República. 4) Não houve uma política que desse conta da inserção dos ex-escravos na sociedade. 5) Apesar das mudanças, o coronelismo permaneceu em muitas regiões do Brasil, impedindo a democratização. Estão corretas apenas: A) 2, 3 e 4 B) 1, 2 e 3 C) 2, 3 e 5 D) 3, 4 e 5 E) 1, 4 e O governo de Campos Sales procurou estabelecer pactos políticos para facilitar a administração e superar as possibilidades de aprofundamento das crises econômica e social. A conhecida política dos governadores por ele desenvolvida: A) ajudou substancialmente aos Estados mais desfavorecidos politicamente, inclusive, o Piauí, que passou a ter mais representatividade. B) desfez o poder que os coronéis tinham, ajudando na reformulação política dos Estados do Nordeste. C) fortaleceu a centralização política, consolidando mais ainda as forças políticas das elites governantes e do presidente da república. D) trouxe expectativas positivas com relação à modernização das elites e as reformas sociais. E) favoreceu os investimentos nos Estados mais pobres, provocando reação de São Paulo e Minas Gerais, que se sentiram prejudicados. 54. Os totalitarismos estiveram presentes no século XX, ameaçando as conquistas democráticas do Ocidente. Alguns países na Europa conviveram com ditaduras violentas e governos autoritários. Como exemplo desse totalitarismo, temos: A) o nazismo, que defendia a igualdade social e política, mas era racista. B) o franquismo, que chegou a contar com o apoio de grupos da Igreja Católica. C) o salazarismo, na Espanha, que durou até os anos 80. D) o fascismo italiano, que conseguiu se manter até os anos 50. E) o gaulismo, que derrubou a república democrática francesa. 55. A instituição da Organização das Nações Unidas, depois da segunda guerra mundial, foi uma tentativa de melhorar a relação entre os povos. Durante o século XX, a atuação da ONU: A) foi destacada, conseguindo resolver conflitos importantes e tendo sua autoridade respeitada. B) começou a ter sua autoridade desrespeitada, quando Stalin invadiu a Polônia, sem nenhuma punição. C) ficou restrita apenas a resolver conflitos entre as nações e a tornar-se uma instituição pouco atuante. D) foi falha, pois dissolveu várias vezes seu Conselho de Segurança, composto por nações da América Latina e da Europa. E) não teve a eficácia desejada, sendo órgão internacional inútil e em fase de extinção. 56. No dia 2 de dezembro de 1956, o iate Granma desembarcava clandestinamente na ilha um grupo de 80 revolucionários decididos a pôr fim à ditadura de Fulgêncio Batista, que, com interrupções, governava o país desde Instalaram-se, então, em Sierra Maestra, de onde desencadearam ofensiva contra o exército nacional, e conquistaram adesão da população (Eduado Valladares e Márcia Berbel, Revoluções do século XX). O texto acima refere-se à Revolução Cubana, que: A) conseguiu instalar o socialismo em Cuba, superando as desigualdades sociais e construindo uma sociedade pluripartidária. B) mudou a sociedade cubana em muitos aspectos, mas enfrentou dificuldades para sobreviver economicamente. C) conseguiu instalar o socialismo em Cuba, mas não teve a solidariedade de outros povos que eram também socialistas. D) sobreviveu às pressões dos Estados Unidos, com quem tem atualmente boas relações diplomáticas. E) fracassou de uma forma geral, pois terminou com o autoritarismo e as desigualdades sociais que havia anteriormente. 57. Getúlio Vargas ocupou um lugar de destaque na política brasileira do século XX, apesar da campanha oposicionista que sofreu no seu último mandato, como presidente da República. Seu suicídio, acompanhado da sua carta-testamento, comoveu parte expressiva da sociedade brasileira. No seu último governo: A) desvinculou-se do PTB, partido que era antes sua base política. B) aprovou a lei que criava a Petrobras. C) lançou as bases para a construção da Companhia Siderúrgica Nacional. D) abandonou o discurso nacionalista, envolvendose com capital externo. E) criou uma eficiente legislação social.

11 58. Leia as afirmações baixo relacionadas com a recuperação das instituições democráticas no Piauí, depois dos governos militares do pós-64. 1) A luta pela redemocratização não contou com forças políticas ligadas à Igreja Católica, que mantinha sua estrutura conservadora. 2) Houve mobilizações expressivas das associações comunitárias, no sentido de recuperar o poder de negociação da população. 3) A Comissão Pastoral da Terra ampliou o movimento por melhores condições de vida no campo e democratização das instituições. 4) O movimento sindical urbano teve dificuldades para se refazer, devido à forte repressão que sofreu dos governos militares. 5) O Movimento Contra Carestia incentivou a formação de pastorais de base, preocupadas com a conscientização política. Estão corretas apenas: A) 1, 2 e 3 B) 2, 3 e 4 C) 1, 4 e 5 D) 1 e 5 E) 2, 3, 4 e O crescimento do Partido dos Trabalhadores vem-se constituindo num marco da vida nacional nas duas últimas décadas. Antes, um partido que limitava suas ações às greves operárias urbanas, o Partido dos Trabalhadores: A) conseguiu vitória expressiva nas eleições majoritárias, embora não ocupe nenhum cargo de governo na região Nordeste. B) restringe sua política à ocupação de algumas prefeituras, localizadas nas regiões consideradas mais ricas, como São Paulo. C) tem sua força de maior representação no legislativo; conta com a maioria dos parlamentares, no Congresso Nacional, sem precisar de alianças. D) não tem representatividade nos grandes centros urbanos do Sudeste; apenas, em cidades populosas do Estado de São Paulo. E) aumentou sua atuação em várias esferas do poder, não sendo mais um partido restrito nem às suas bases sindicais nem ao sudeste do país. 60. A modernização da sociedade brasileira trouxe invenções tecnológicas que mudaram o cotidiano da população. Há uma massificação da cultura, um sistema de comunicação que transforma o mundo numa verdadeira aldeia global. No entanto, podemos afirmar que: A) a globalização garantiu o fim de muitas diferenças sociais marcantes e desumanas. B) não houve qualquer benefício para as populações mais pobres, nesse processo de modernização. C) as mudanças no cotidiano não são importantes para a análise da sociedade, pois disfarçam as contradições sociais. D) faltou maior planejamento social no processo de modernização, sobretudo nas regiões mais pobres, como o Nordeste. E) a proximidade garantida pelo sistema de comunicação não está relacionada com a modernização da sociedade.

UFSC. Resposta: 01 + 02 = 03. Comentário

UFSC. Resposta: 01 + 02 = 03. Comentário Resposta: 01 + 02 = 03 01. Correta. 04. Incorreta. O número de trabalhadores no setor primário, principalmente na agropecuária, continuou diminuindo devido à automação. O aumento ocorreu no setor de serviço.

Leia mais

Espaço Geográfico (Tempo e Lugar)

Espaço Geográfico (Tempo e Lugar) Espaço Geográfico (Tempo e Lugar) Somos parte de uma sociedade, que (re)produz, consome e vive em uma determinada porção do planeta, que já passou por muitas transformações, trata-se de seu lugar, relacionando-se

Leia mais

Cidade e desigualdades socioespaciais.

Cidade e desigualdades socioespaciais. Centro de Educação Integrada 3º ANO GEOGRAFIA DO BRASIL A Produção do Espaço Geográfico no Brasil nas economias colonial e primário exportadora. Brasil: O Espaço Industrial e impactos ambientais. O espaço

Leia mais

01. Com freqüência os meios de comunicação noticiam conflitos na região do Oriente Médio.

01. Com freqüência os meios de comunicação noticiam conflitos na região do Oriente Médio. 01. Com freqüência os meios de comunicação noticiam conflitos na região do Oriente Médio. Sobre essa questão, leia atentamente as afirmativas abaixo: I. Em 11 de setembro de 2001, os EUA sofreram um violento

Leia mais

GEOGRAFIA. Prof. Marcus

GEOGRAFIA. Prof. Marcus GEOGRAFIA Prof. Marcus Migração e xenofobia Migração Trata-se de um fluxo de pessoas. Existe por diversos motivos, como: Fluxos globais, regiões superpovoadas, desemprego, desorganização, desigualdade,

Leia mais

1º ano. A reconquista ibérica e as grandes navegações Capítulo 10: Item 2 A revolução comercial Capítulo 12: Item 3 O Novo Mundo Capítulo 10: Item 2

1º ano. A reconquista ibérica e as grandes navegações Capítulo 10: Item 2 A revolução comercial Capítulo 12: Item 3 O Novo Mundo Capítulo 10: Item 2 1º ano O absolutismo e o Estado Moderno Capítulo 12: Todos os itens A reconquista ibérica e as grandes navegações Capítulo 10: Item 2 A revolução comercial Capítulo 12: Item 3 O Novo Mundo Capítulo 10:

Leia mais

01. Frederico Ratzel enunciou o princípio, segundo o qual o geógrafo, ao estudar um dos fatores geográficos ou uma área, deveria, inicialmente, procurar localizá-la e estabelecer os seus limites, usando

Leia mais

HISTÓRIA-2009 2ª FASE 2009

HISTÓRIA-2009 2ª FASE 2009 Questão 01 UFBA - -2009 2ª FASE 2009 Na Época Medieval, tanto no Oriente Médio, quanto no norte da África e na Península Ibérica, muçulmanos e judeus conviviam em relativa paz, fazendo comércio e expressando,

Leia mais

FORMAÇÃO DO TERRITORIO BRASILEIRO. Prof. Israel Frois

FORMAÇÃO DO TERRITORIO BRASILEIRO. Prof. Israel Frois FORMAÇÃO DO TERRITORIO BRASILEIRO Prof. Israel Frois SÉCULO XV Território desconhecido; Era habitado por ameríndios ; Natureza praticamente intocada Riqueza imediata: Pau-Brasil (Mata Atlântica) Seus limites

Leia mais

Formação das Rochas. 2.Rochas sedimentares: formadas pela deposição de detritos de outras rochas,

Formação das Rochas. 2.Rochas sedimentares: formadas pela deposição de detritos de outras rochas, Relevo Brasileiro 1.Rochas magmáticas ou ígneas, formadas pela solidificação do magma.podem ser intrusivas formadas dentro da crosta terrestre ou extrusivas na superfície. Formação das Rochas 2.Rochas

Leia mais

GEOGRAFIA. O texto refere-se ao(à) (A) Índia. (B) Japão. (C) Coréia do Sul. (D) Cingapura. (E) China.

GEOGRAFIA. O texto refere-se ao(à) (A) Índia. (B) Japão. (C) Coréia do Sul. (D) Cingapura. (E) China. GEOGRAFIA 16ª QUESTÃO Com a criação de zonas econômicas especiais, nos últimos anos, este país asiático em transição econômica, do socialismo para o capitalismo, tem adotado uma política de abertura da

Leia mais

Guerra fria (o espaço mundial)

Guerra fria (o espaço mundial) Guerra fria (o espaço mundial) Com a queda dos impérios coloniais, duas grandes potências se originavam deixando o mundo com uma nova ordem tanto na parte política quanto na econômica, era os Estados Unidos

Leia mais

1º ano. Os elementos da Paisagem Natural e Paisagem modificada

1º ano. Os elementos da Paisagem Natural e Paisagem modificada 1º ano Os elementos da Paisagem Natural e Paisagem modificada A origem da Terra; A origem dos continentes; A teoria da deriva dos continentes; A teoria das placas tectônicas; Tempo geológico; A estrutura

Leia mais

FUNDAÇÃO GETÚLIO VARGAS CURSO DE DIREITO VESTIBULAR 2009 PROVA DE HISTÓRIA. Fase 1

FUNDAÇÃO GETÚLIO VARGAS CURSO DE DIREITO VESTIBULAR 2009 PROVA DE HISTÓRIA. Fase 1 FUNDAÇÃO GETÚLIO VARGAS CURSO DE DIREITO VESTIBULAR 2009 PROVA DE HISTÓRIA Fase 1 Novembro 2008 INTRODUÇÃO Na prova de História de 2009 foi possível concretizar vários dos objetivos do programa do Vestibular.

Leia mais

O candidato deverá demonstrar uma visão globalizante do processo transformacional

O candidato deverá demonstrar uma visão globalizante do processo transformacional CIÊNCIAS HUMANAS (HISTÓRIA/ATUALIDADES/GEOGRAFIA) O candidato deverá demonstrar uma visão globalizante do processo transformacional das sociedades através dos tempos, observando os fatores econômico, histórico,

Leia mais

Conteúdos Referenciais Para o Ensino Médio

Conteúdos Referenciais Para o Ensino Médio Conteúdos Referenciais Para o Ensino Médio Área de Conhecimento: Ciências Humanas Componente Curricular: Geografia Ementa Possibilitar a compreensão do conceito, do histórico e contextualização da Geografia.

Leia mais

PLANO DE ENSINO DE HISTÓRIA 5ª. SÉRIE DO ENSINO FUNDAMENTAL 1º BIMESTRE

PLANO DE ENSINO DE HISTÓRIA 5ª. SÉRIE DO ENSINO FUNDAMENTAL 1º BIMESTRE PLANO DE ENSINO DE HISTÓRIA 5ª. SÉRIE DO ENSINO FUNDAMENTAL 1º BIMESTRE - Sistemas sociais e culturais de notação de tempo ao longo da história, - As linguagens das fontes históricas; - Os documentos escritos,

Leia mais

GEOGRAFIA. Professores: Marcus, Ronaldo

GEOGRAFIA. Professores: Marcus, Ronaldo GEOGRAFIA Professores: Marcus, Ronaldo Questão que trabalha conceitos de cálculo de escala, um tema comum nas provas da UFPR. O tema foi trabalhado no Módulo 05 da apostila II de Geografia I. Para melhor

Leia mais

NAPOLEÃO BONAPARTE. Pode-se dividir seu governo em três partes: Consulado (1799-1804) Império (1804-1815) Governo dos Cem Dias (1815)

NAPOLEÃO BONAPARTE. Pode-se dividir seu governo em três partes: Consulado (1799-1804) Império (1804-1815) Governo dos Cem Dias (1815) NAPOLEÃO BONAPARTE 1 Profª Adriana Moraes Destaca-se política e militarmente no Período Jacobino. DIRETÓRIO Conquistas militares e diplomáticas na Europa defesa do novo governo contra golpes. Golpe 18

Leia mais

(Disponível em: http://www.nomismatike.hpg.ig.com.br/grecia/etruria.htm. Acesso em: 3 jun. 2005.)

(Disponível em: http://www.nomismatike.hpg.ig.com.br/grecia/etruria.htm. Acesso em: 3 jun. 2005.) 2 o PROCESSO SELETIVO/2005 1 O DIA GABARITO 1 33 HISTÓRIA QUESTÕES DE 51 A 60 51. Analise o mapa e o texto a seguir: (Disponível em: http://www.nomismatike.hpg.ig.com.br/grecia/etruria.htm. Acesso em:

Leia mais

Crescimento urbano e industrial dos anos 20 ao Estado Novo

Crescimento urbano e industrial dos anos 20 ao Estado Novo A UA UL LA MÓDULO 7 Crescimento urbano e industrial dos anos 20 ao Estado Novo Nesta aula O café foi o principal produto de exportação durante a República Velha. Os cafeicultores detinham o controle da

Leia mais

PROVA DE GEOGRAFIA 3 o TRIMESTRE DE 2012

PROVA DE GEOGRAFIA 3 o TRIMESTRE DE 2012 PROVA DE GEOGRAFIA 3 o TRIMESTRE DE 2012 PROFa. JULIANA NOME N o 8 o ANO A compreensão do enunciado faz parte da questão. Não faça perguntas ao examinador. A prova deve ser feita com caneta azul ou preta.

Leia mais

História. baseado nos Padrões Curriculares do Estado de São Paulo

História. baseado nos Padrões Curriculares do Estado de São Paulo História baseado nos Padrões Curriculares do Estado de São Paulo 1 PROPOSTA CURRICULAR DA DISCIPLINA DE HISTÓRIA Middle e High School 2 6 th Grade A vida na Grécia antiga: sociedade, vida cotidiana, mitos,

Leia mais

URBANIZAÇÃO LUGAR É A BASE

URBANIZAÇÃO LUGAR É A BASE URBANIZAÇÃO LUGAR É A BASE. DA REPRODUÇÃO DA VIDA E PODE SER ANALISADO PELA TRÍADE HABITANTE- IDENTIDADE-LUGAR. OBJETIVOS ESPECÍFICOS A. Caracterizar o fenômeno da urbanização como maior intervenção humana

Leia mais

RESOLUÇÃO: O QUE É GEOGRAFIA

RESOLUÇÃO: O QUE É GEOGRAFIA O QUE É GEOGRAFIA 01. (Ufpe) Vamos supor que um determinado pesquisador escreveu o seguinte texto sobre a Amazônia brasileira. "A Amazônia brasileira, uma das principais regiões do País, está fadada ao

Leia mais

Data: /08/2014 Bimestre: 2. Nome: 8 ANO B Nº. Disciplina: Geografia Professor: Geraldo

Data: /08/2014 Bimestre: 2. Nome: 8 ANO B Nº. Disciplina: Geografia Professor: Geraldo Data: /08/2014 Bimestre: 2 Nome: 8 ANO B Nº Disciplina: Geografia Professor: Geraldo Valor da Prova / Atividade: 2,0 (DOIS) Nota: GRUPO 3 1- (1,0) A mundialização da produção industrial é caracterizada

Leia mais

RESPOSTA D LISTA DE EXERCÍCIOS. 1) Analise o diagrama e as afirmativas a seguir.

RESPOSTA D LISTA DE EXERCÍCIOS. 1) Analise o diagrama e as afirmativas a seguir. 1) Analise o diagrama e as afirmativas a seguir. LISTA DE EXERCÍCIOS I) A partir de critérios geomorfológicos, os planaltos corrrespondem às regiões do relevo onde predomina o processo erosivo; neste compartimento

Leia mais

Gabarito oficial preliminar: História

Gabarito oficial preliminar: História 1) Questão 1 Segundo José Bonifácio, o fim do tráfico de escravos significaria uma ameaça à existência do governo porque Geraria uma crise econômica decorrente da diminuição da mão de obra disponível,

Leia mais

A Revolução Inglesa. Monarquia britânica - (1603 1727)

A Revolução Inglesa. Monarquia britânica - (1603 1727) A Revolução Inglesa A Revolução inglesa foi um momento significativo na história do capitalismo, na medida em que, ela contribuiu para abrir definitivamente o caminho para a superação dos resquícios feudais,

Leia mais

Seu pé direito nas melhores faculdades

Seu pé direito nas melhores faculdades Seu pé direito nas melhores faculdades FUVEST 2 a Fase JANEIRO/2005 GEOGRAFIA 01. Nas últimas décadas, em Davos, na Suíça, vem ocorrendo anualmente um dos mais importantes eventos sobre a economia mundial.

Leia mais

CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA

CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA ENSINO MÉDIO ÁREA CURRICULAR: CIÊNCIAS HUMANAS E SUAS TECNOLOGIAS DISCIPLINA: HISTÓRIA SÉRIE 1.ª CH 68 ANO 2012 COMPETÊNCIAS:. Compreender

Leia mais

Domínios Morfoclimáticos

Domínios Morfoclimáticos Domínios Morfoclimáticos Os domínios morfoclimáticos representam a interação e a integração do clima, relevo e vegetação que resultam na formação de uma paisagem passível de ser individualizada. Domínios

Leia mais

Total aulas previstas

Total aulas previstas ESCOLA BÁSICA 2/3 DE MARTIM DE FREITAS Planificação Anual de História do 7º Ano Ano Lectivo 2011/2012 LISTAGEM DE CONTEÚDOS TURMA Tema 1.º Período Unidade Aulas Previas -tas INTRODUÇÃO À HISTÓRIA: DA ORIGEM

Leia mais

GEOGRAFIA 31 c Resolução OBJETIVO 2003

GEOGRAFIA 31 c Resolução OBJETIVO 2003 GEOGRAFIA 31 c Observe o gráfico. Segundo o gráfico, a população infectada com o vírus HIV a) é de 30 milhões no mundo, distribuídos de maneira desigual pelo planeta. b) da América Latina e Caribe corresponde

Leia mais

HABILIDADES PARA RECUPERAÇÃO

HABILIDADES PARA RECUPERAÇÃO Componente Curricular: Geografia Professor (a): Oberdan Araújo Ano: 6º Anos A e B. HABILIDADES 1º Bimestre Conceituar e caracterizar: espaço cultural (urbano e rural) e espaço natural. Identificar e caracterizar

Leia mais

CADERNO DE ATIVIDADES

CADERNO DE ATIVIDADES COLÉGIO ARNALDO 2014 CADERNO DE ATIVIDADES GEOGRAFIA ATENÇÃO: Este trabalho deverá ser realizado em casa, trazendo as dúvidas para serem sanadas durante as aulas de plantão. Aluno (a): 5º ano Turma: Professora:

Leia mais

REVISÃO NOVAFAP-FACID(geografia-Hugo)

REVISÃO NOVAFAP-FACID(geografia-Hugo) REVISÃO NOVAFAP-FACID(geografia-Hugo) 1. (Ufu) Na década de 1960, o geógrafo Aziz Nacib Ab'Saber reuniu as principais características do relevo e do clima das regiões brasileiras para formar, com os demais

Leia mais

o declínio do poder dos senhores feudais e as monarquias nacionais... 14

o declínio do poder dos senhores feudais e as monarquias nacionais... 14 SuMÁRIo UNIDADE I O ADVENTO DO MUNDO MODERNO: POLÍTICA E CULTURA... 12 Capítulo 1 o declínio do poder dos senhores feudais e as monarquias nacionais... 14 A fragmentação do poder na sociedade feudal...

Leia mais

Avaliação da unidade II Pontuação: 7,5 pontos

Avaliação da unidade II Pontuação: 7,5 pontos Avaliação da unidade II Pontuação: 7,5 pontos QUESTÃO 01 (1,0 ponto) A Segunda Grande Guerra (1939-1945), a partir de 7 de dezembro de 1941, adquire um caráter mundial quando os a) ( ) russos tomam a iniciativa

Leia mais

PUC - Rio - 2012 Rio VESTIBULAR 2012 PROVAS DISCURSIVAS DE HISTÓRIA LEIA ATENTAMENTE AS INSTRUÇÕES ABAIXO.

PUC - Rio - 2012 Rio VESTIBULAR 2012 PROVAS DISCURSIVAS DE HISTÓRIA LEIA ATENTAMENTE AS INSTRUÇÕES ABAIXO. PUC - Rio - 2012 Rio VESTIBULAR 2012 PROVAS DISCURSIVAS DE HISTÓRIA 2 o DIA MANHÃ GRUPO 2 Novembro / 2011 LEIA ATENTAMENTE AS INSTRUÇÕES ABAIXO. 01 - Você recebeu do fiscal o seguinte material: a) este

Leia mais

COLÉGIO MARISTA - PATOS DE MINAS 2º ANO DO ENSINO MÉDIO - 2013 Professor : Bruno Matias Telles 1ª RECUPERAÇÃO AUTÔNOMA ROTEIRO DE ESTUDO - QUESTÕES

COLÉGIO MARISTA - PATOS DE MINAS 2º ANO DO ENSINO MÉDIO - 2013 Professor : Bruno Matias Telles 1ª RECUPERAÇÃO AUTÔNOMA ROTEIRO DE ESTUDO - QUESTÕES COLÉGIO MARISTA - PATOS DE MINAS 2º ANO DO ENSINO MÉDIO - 2013 Professor : Bruno Matias Telles 1ª RECUPERAÇÃO AUTÔNOMA ROTEIRO DE ESTUDO - QUESTÕES Estudante: Turma: Data: / / QUESTÃO 1 Analise o mapa

Leia mais

Expansão do território brasileiro

Expansão do território brasileiro Expansão do território brasileiro O território brasileiro é resultado de diferentes movimentos expansionistas que ocorreram no Período Colonial, Imperial e Republicano. Esse processo ocorreu através de

Leia mais

1) INSTRUÇÃO: Para responder à questão, considere as afirmativas a seguir, sobre a Região Nordeste do Brasil.

1) INSTRUÇÃO: Para responder à questão, considere as afirmativas a seguir, sobre a Região Nordeste do Brasil. Marque com um a resposta correta. 1) INSTRUÇÃO: Para responder à questão, considere as afirmativas a seguir, sobre a Região Nordeste do Brasil. I. A região Nordeste é a maior região do país, concentrando

Leia mais

1º ano. 1) Relações de Trabalho, Relações de Poder...

1º ano. 1) Relações de Trabalho, Relações de Poder... Liberdade, propriedade e exploração. A revolução agrícola e as relações comerciais. Capítulo 1: Item 5 Relações de trabalho nas sociedades indígenas brasileiras e americanas. Escravidão e servidão. Divisão

Leia mais

Ensino Fundamental II

Ensino Fundamental II Ensino Fundamental II Valor do trabalho: 2.0 Nota: Data: /dezembro/2014 Professora: Angela Disciplina: Geografia Nome: n o : Ano: 8º Trabalho de Recuperação Final de Geografia ORIENTAÇÕES: Leia atentamente

Leia mais

COLÉGIO MARISTA DE BRASÍLIA Educação Infantil e Ensino Fundamental Aluno(a): 8º Ano: Nº Professor(a): Data: / / Componente Curricular: HISTÓRIA

COLÉGIO MARISTA DE BRASÍLIA Educação Infantil e Ensino Fundamental Aluno(a): 8º Ano: Nº Professor(a): Data: / / Componente Curricular: HISTÓRIA COLÉGIO MARISTA DE BRASÍLIA Educação Infantil e Ensino Fundamental Aluno(a): 8º Ano: Nº Professor(a): Data: / / Componente Curricular: HISTÓRIA 2011/HIST8ANOEXE2-PARC-1ºTRI-I AVALIAÇÃO PARCIAL 1º TRIMESTRE

Leia mais

Prova 3 Geografia QUESTÕES APLICADAS A TODOS OS CANDIDATOS QUE REALIZARAM A PROVA ESPECÍFICA DE GEOGRAFIA. QUESTÕES OBJETIVAS GABARITO 3

Prova 3 Geografia QUESTÕES APLICADAS A TODOS OS CANDIDATOS QUE REALIZARAM A PROVA ESPECÍFICA DE GEOGRAFIA. QUESTÕES OBJETIVAS GABARITO 3 Prova 3 QUESTÕES OBJETIVAS QUESTÕES APLICADAS A TODOS OS CANDIDATOS QUE REALIZARAM A PROVA ESPECÍFICA DE GEOGRAFIA. UEM Comissão Central do Vestibular Unificado GEOGRAFIA 01 Sobre as rochas que compõem

Leia mais

Apontamentos das obras LeYa em relação ao Currículo em Movimento do DISTRITO FEDERAL. Geografia Leituras e Interação

Apontamentos das obras LeYa em relação ao Currículo em Movimento do DISTRITO FEDERAL. Geografia Leituras e Interação Apontamentos das obras LeYa em relação ao Currículo em Movimento do DISTRITO FEDERAL Geografia Leituras e Interação 2 Caro professor, Este guia foi desenvolvido para ser uma ferramenta útil à análise e

Leia mais

1º ano. I. O Surgimento do Estado e a Organização de uma Sociedade de Classes

1º ano. I. O Surgimento do Estado e a Organização de uma Sociedade de Classes Africana: África como berço da humanidade Capítulo 1: Item 1 Européia Capítulo 1: Item 2 Asiática Capítulo 1: Item 2 Americana Capítulo 1: Item 3 Arqueologia Brasileira Capítulo 1: Item 4 A paisagem e

Leia mais

O continente africano

O continente africano O continente africano ATIVIDADES Questão 04 Observe o mapa 2 MAPA 2 Continente Africano Fonte: . A região do Sahel, representada

Leia mais

CADERNO DE EXERCÍCIOS 2F

CADERNO DE EXERCÍCIOS 2F CADERNO DE EXERCÍCIOS 2F Ensino Fundamental Ciências Humanas Questão Conteúdo Habilidade da Matriz da EJA/FB 1 Movimento operário e sindicalismo no Brasil H43 2 Urbanização nas regiões brasileiras H8,

Leia mais

A era dos impérios. A expansão colonial capitalista

A era dos impérios. A expansão colonial capitalista A era dos impérios A expansão colonial capitalista O século XIX se destacou pela criação de uma economia global única, caracterizado pelo predomínio do mundo industrializado sobre uma vasta região do planeta.

Leia mais

Modulo I Mudanças Climáticas

Modulo I Mudanças Climáticas Nome: Nº: Turma: Geografia 1º ano Exercícios Extras Silvia Set/09 Modulo I Mudanças Climáticas 1. (UFRJ) A maior parte do aquecimento da atmosfera é proveniente da radiação terrestre: a atmosfera deixa

Leia mais

AS INVASÕES FRANCESAS

AS INVASÕES FRANCESAS AS INVASÕES FRANCESAS 2ª invasão 1612 Maranhão Fundação da França Equinocial e a Cidade de São Luís Comandante Daniel de La Touche Obs: esse período Portugal passava para domínio espanhol 1ª invasão Rio

Leia mais

Questão 45. Questão 47. Questão 46. alternativa D. alternativa E

Questão 45. Questão 47. Questão 46. alternativa D. alternativa E Questão 45 alternativa D Entre os recursos naturais importantes para o fortalecimento da economia canadense no século XX temos a taiga (o Canadá encontra-se entre os maiores produtores de madeira, papel

Leia mais

Geografia Leituras e Interação

Geografia Leituras e Interação Apontamentos das obras LeYa em relação às Orientações Teórico-Metodológicas para o Ensino Médio do estado de PERNAMBUCO Geografia Leituras e Interação 2 Caro professor, Este guia foi desenvolvido para

Leia mais

EXERCÍCIOS ON LINE DE GEOGRAFIA 7º 2º TRI

EXERCÍCIOS ON LINE DE GEOGRAFIA 7º 2º TRI 1. Coloque V para verdadeiro e F para falso: EXERCÍCIOS ON LINE DE GEOGRAFIA 7º 2º TRI ( ) a população economicamente ativa compreende a parcela da população que está trabalhando ou procurando emprego.

Leia mais

1º ano. 1º Bimestre. Revolução Agrícola Capítulo 1: Item 5 Egito - política, economia, sociedade e cultura - antigo império

1º ano. 1º Bimestre. Revolução Agrícola Capítulo 1: Item 5 Egito - política, economia, sociedade e cultura - antigo império Introdução aos estudos de História - fontes históricas - periodização Pré-história - geral - Brasil As Civilizações da Antiguidade 1º ano Introdução Capítulo 1: Todos os itens Capítulo 2: Todos os itens

Leia mais

Climas do Brasil GEOGRAFIA DAVI PAULINO

Climas do Brasil GEOGRAFIA DAVI PAULINO Climas do Brasil GEOGRAFIA DAVI PAULINO Grande extensão territorial Diversidade no clima das regiões Efeito no clima sobre fatores socioeconômicos Agricultura População Motivação! Massas de Ar Grandes

Leia mais

Brasil e suas Organizações políticas e administrativas. Brasil Atual 27 unidades político-administrativas 26 estados e distrito federal

Brasil e suas Organizações políticas e administrativas. Brasil Atual 27 unidades político-administrativas 26 estados e distrito federal Brasil e suas Organizações políticas e administrativas GEOGRAFIA Em 1938 Getúlio Vargas almejando conhecer o território brasileiro e dados referentes a população deste país funda o IBGE ( Instituto Brasileiro

Leia mais

MINERAÇÃO E REVOLTAS NO BRASIL COLONIAL

MINERAÇÃO E REVOLTAS NO BRASIL COLONIAL MINERAÇÃO E REVOLTAS NO BRASIL COLONIAL Portugal: crises e dependências -Portugal: acordos comerciais com a Inglaterra; -Exportação de produtos brasileiros; -Tratado de Methuen: redução fiscal para os

Leia mais

GEOGRAFIA. D) os países que apresentam as maiores taxas de emigração neste início de século.

GEOGRAFIA. D) os países que apresentam as maiores taxas de emigração neste início de século. GEOGRAFIA INSTRUÇÃO: Responder às questões 16 e 17 com base no mapa abaixo. NORTE ESCALA 0 2.448 4.896 km 16) Nas áreas destacadas no mapa, estão A) os maiores pólos econômicos do mundo. B) os membros

Leia mais

Vestibular Comentado - UVA/2010.2

Vestibular Comentado - UVA/2010.2 GEOGRAFIA Comentários: Prof. Marcos Lupi 01. O mapa representa uma proposta de divisão econômica do espaço mundial. Sobre a divisão do mundo em 'Norte-Sul' podemos afirmar que: I - Essa regionalização

Leia mais

HISTÓRIA - 6º AO 9º ANO

HISTÓRIA - 6º AO 9º ANO A FORMAÇÃO DO CURRÍCULO DA REDE O solicitou-nos uma base para colocar em discussão com os professores de história da rede de São Roque. O ponto de partida foi a grade curricular formulada em 2008 pelos

Leia mais

CENTRO DE EDUCAÇÃO INTEGRADA Educando para o pensar Tema Integrador 2013 / Construindo o amanhã: nós agimos, o planeta sente CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS

CENTRO DE EDUCAÇÃO INTEGRADA Educando para o pensar Tema Integrador 2013 / Construindo o amanhã: nós agimos, o planeta sente CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS CENTRO DE EDUCAÇÃO INTEGRADA Educando para o pensar Tema Integrador 2013 / Construindo o amanhã: nós agimos, o planeta sente CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS CIÊNCIAS HUMANAS 3º ANO FILOSOFIA FILOSOFIA NA HISTÓRIA

Leia mais

Quadro de conteúdos GEOGRAFIA

Quadro de conteúdos GEOGRAFIA Quadro de conteúdos GEOGRAFIA 6 o ano 1 - PAISAGENS Paisagem e lugar Observação da paisagem A ação humana e as mudanças na paisagem Ação humana e desenvolvimento sustentável Natureza e mudança Paisagens

Leia mais

a) Cite o nome do estado brasileiro onde aparece a maior parte do domínio das araucárias. R:

a) Cite o nome do estado brasileiro onde aparece a maior parte do domínio das araucárias. R: Data: /08/2014 Bimestre: 2 Nome: 7 ANO A Nº Disciplina: Geografia Professor: Geraldo Valor da Prova / Atividade: 2,0 (DOIS) Nota: GRUPO 3 1-(1,0) A paisagem brasileira está dividida em domínios morfoclimáticos.

Leia mais

Nova ordem mundial Mundo multipolar Prof. Rafael Souza

Nova ordem mundial Mundo multipolar Prof. Rafael Souza Disciplina de Geografia Área de ciências humanas Nova ordem mundial Mundo multipolar Prof. Rafael Souza Porto Alegre 2014 Com o final da União Soviética, a queda do Muro de Berlim, sabemos que apenas um

Leia mais

Assinale a alternativa que identifica, corretamente, as paisagens 1 e 2 destacadas no mapa.

Assinale a alternativa que identifica, corretamente, as paisagens 1 e 2 destacadas no mapa. GEOGRAFIA 31 a Observe o mapa. Assinale a alternativa que identifica, corretamente, as paisagens 1 e 2 destacadas no mapa. a) b) c) d) e) I Desértica: baixa umidade do ar; grande amplitude térmica; vegetação

Leia mais

CONTEXTO HISTORICO E GEOPOLITICO ATUAL. Ciências Humanas e suas tecnologias R O C H A

CONTEXTO HISTORICO E GEOPOLITICO ATUAL. Ciências Humanas e suas tecnologias R O C H A CONTEXTO HISTORICO E GEOPOLITICO ATUAL Ciências Humanas e suas tecnologias R O C H A O capitalismo teve origem na Europa, nos séculos XV e XVI, e se expandiu para outros lugares do mundo ( Ásia, África,

Leia mais

DATA: VALOR: 20 PONTOS NOME COMPLETO:

DATA: VALOR: 20 PONTOS NOME COMPLETO: DISCIPLINA: Geografia PROFESSOR(A): Rodrigo/Saulo DATA: VALOR: 20 PONTOS NOTA: NOME COMPLETO: ASSUNTO: TRABALHO DE RECUPERAÇÃO FINAL SÉRIE: 2ªEM TURMA: Nº: 01. RELAÇÃO DO CONTEÚDO Demografia (Transição

Leia mais

ORIENTE MÉDIO. Prof: Marcio Santos ENEM 2009 Ciências Humanas Aula II. Jerusalém Muro das Lamentações e Cúpula da Rocha

ORIENTE MÉDIO. Prof: Marcio Santos ENEM 2009 Ciências Humanas Aula II. Jerusalém Muro das Lamentações e Cúpula da Rocha Prof: Marcio Santos ENEM 2009 Ciências Humanas Aula II ORIENTE MÉDIO -Região marcada por vários conflitos étnicos, políticos e religiosos. -Costuma-se considerar 18 países como pertencentes ao Oriente

Leia mais

INSTRUÇÕES NÃO AMASSE, NÃO DOBRE, NÃO SUJE, NÃO RASURE ESTE MATERIAL.

INSTRUÇÕES NÃO AMASSE, NÃO DOBRE, NÃO SUJE, NÃO RASURE ESTE MATERIAL. INSTRUÇÕES Para a realização destas provas, você recebeu este Caderno de Questões e duas Folhas de Respostas. NÃO AMASSE, NÃO DOBRE, NÃO SUJE, NÃO RASURE ESTE MATERIAL. 1. Caderno de Questões Verifique

Leia mais

PROCESSO DE INDEPENDÊNCIA DOS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA

PROCESSO DE INDEPENDÊNCIA DOS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA PROCESSO DE INDEPENDÊNCIA DOS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA TREZE COLÔNIAS Base de ocupação iniciativa privada: Companhias de colonização + Grupos de imigrantes = GRUPOS DISTINTOS [excedente da metrópole;

Leia mais

O CAPITALISMO E A DIVISÃO INTERNACIONAL DO TRABALHO (DIT)

O CAPITALISMO E A DIVISÃO INTERNACIONAL DO TRABALHO (DIT) O CAPITALISMO E A DIVISÃO INTERNACIONAL DO TRABALHO (DIT) O capitalismo teve origem na Europa, entre os séculos XIII e XIV, com o renascimento urbano e comercial e o surgimento de uma nova classe social:

Leia mais

ATIVIDADES ONLINE 9º 3. Cidade chinesa que estreou economia de mercado completa 30 anos

ATIVIDADES ONLINE 9º 3. Cidade chinesa que estreou economia de mercado completa 30 anos ATIVIDADES ONLINE 9º 3 1) Leia atentamente. Cidade chinesa que estreou economia de mercado completa 30 anos Deng Xiaoping, pai da reforma econômica da China, decidiu no começo dos anos 80 testar as regras

Leia mais

Questão 45. Questão 47. Questão 46. alternativa E. alternativa B

Questão 45. Questão 47. Questão 46. alternativa E. alternativa B Questão 45 O mundo contemporâneo necessita de novas fontes de energia para substituir as convencionais.ospaísesbuscamformasalternativasde produzir energia de acordo com suas características geográficas,

Leia mais

Ciências Humanas. baseado nos Padrões Curriculares do Estado de São Paulo

Ciências Humanas. baseado nos Padrões Curriculares do Estado de São Paulo Ciências Humanas baseado nos Padrões Curriculares do Estado de São Paulo 1 PROPOSTA CURRICULAR DA DISCIPLINA DE CIÊNCIAS HUMANAS Elementary School 2 K5 Conteúdos Gerais Conteúdos Específicos Habilidades

Leia mais

PROFESSOR: EQUIPE DE GEOGRAFIA

PROFESSOR: EQUIPE DE GEOGRAFIA PROFESSOR: EQUIPE DE GEOGRAFIA BANCO DE QUESTÕES - GEOGRAFIA - 8º ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ============================================================================================= 01- Observe a figura

Leia mais

03. O Leste europeu sofreu grandes transformações nas duas últimas décadas do século XX, como as que são referidas a seguir, exceto uma. Assinale-a.

03. O Leste europeu sofreu grandes transformações nas duas últimas décadas do século XX, como as que são referidas a seguir, exceto uma. Assinale-a. VESTBULAR/2005 GEOGRAFA 01. Leia, com atenção, a notícia a seguir. Na véspera de um fim de semana prolongado, o mal faz um certo bem. O ar muito seco vem incomodando, mas é justamente a umidade baixa que

Leia mais

D) As planícies brasileiras terminam, na sua grande maioria, em frentes de cuestas nome que se dá às áreas planas das praias.

D) As planícies brasileiras terminam, na sua grande maioria, em frentes de cuestas nome que se dá às áreas planas das praias. 01 - (UDESC 2008) Para classificar o relevo, deve-se considerar a atuação conjunta de todos fatores analisados a influência interna, representada pelo tectonismo, e a atuação do clima, nos diferentes tipos

Leia mais

Apontamentos das obras LeYa em relação ao Currículo de Referência da Rede Estadual de Educação de GOIÁs. História Oficina de História

Apontamentos das obras LeYa em relação ao Currículo de Referência da Rede Estadual de Educação de GOIÁs. História Oficina de História Apontamentos das obras LeYa em relação ao Currículo de Referência da Rede Estadual de Educação de GOIÁs História Oficina de História 2 Caro professor, Este guia foi desenvolvido para ser uma ferramenta

Leia mais

PROVA DE GEOGRAFIA OBSERVE A FIGURA ABAIXO E RESPONDA À QUESTÃO 16.

PROVA DE GEOGRAFIA OBSERVE A FIGURA ABAIXO E RESPONDA À QUESTÃO 16. 13 PROVA DE GEOGRAFIA OBSERVE A FIGURA ABAIXO E RESPONDA À QUESTÃO 16. Escala: 1:160 000 Fonte: Prefeitura de Belo Horizonte QUESTÃO 16 O mapa representa Belo Horizonte e sua divisão administrativa regional.

Leia mais

Trabalhar as regiões

Trabalhar as regiões A U A UL LA Trabalhar as regiões Nesta aula, vamos aprender como a organi- zação espacial das atividades econômicas contribui para diferenciar o espaço geográfico em regiões. Vamos verificar que a integração

Leia mais

CRISE E RUPTURA NA REPÚBLICA VELHA. Os últimos anos da República Velha

CRISE E RUPTURA NA REPÚBLICA VELHA. Os últimos anos da República Velha CRISE E RUPTURA NA REPÚBLICA VELHA Os últimos anos da República Velha Década de 1920 Brasil - as cidades cresciam e desenvolviam * Nos grandes centros urbanos, as ruas eram bem movimentadas, as pessoas

Leia mais

Recuperação Final Geografia 6º ano

Recuperação Final Geografia 6º ano COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II SEÇÃO TÉCNICA DE ENSINO Recuperação Final Geografia 6º ano Aluno: Série: 6º ano Turma: Data: 07 de dezembro de 2015. 1. Esta prova é um documento oficial do CMDPII. LEIA COM

Leia mais

GEOGRAFIA COMENTÁRIO DA PROVA DE GEOGRAFIA

GEOGRAFIA COMENTÁRIO DA PROVA DE GEOGRAFIA COMENTÁRIO DA PROVA DE GEOGRAFIA Repetindo o ocorrido no vestibular de 2009, a UFPR em Geografia se redimiu na segunda fase, apresentando uma prova coerente e abrangente, mostrando qualidade superior à

Leia mais

PROVA DE GEOGRAFIA 4 o BIMESTRE DE 2012

PROVA DE GEOGRAFIA 4 o BIMESTRE DE 2012 PROVA DE GEOGRAFIA 4 o BIMESTRE DE 2012 PROF. FERNANDO NOME N o 1 a SÉRIE A compreensão do enunciado faz parte da questão. Não faça perguntas ao examinador. A prova deve ser feita com caneta azul ou preta.

Leia mais

EUA NO SÉC. XIX 1. INTRODUÇÃO A. DOUTRINA MONROE:

EUA NO SÉC. XIX 1. INTRODUÇÃO A. DOUTRINA MONROE: 1. INTRODUÇÃO A. DOUTRINA MONROE: 1) Combate às políticas de recolonização do continente americano; 2) Aproximação com a América Latina; defesa do não-intervencionismo europeu na América como expressão

Leia mais

HISTÓRIA. Assinale a alternativa que preenche corretamente os parênteses da Coluna B, de cima para baixo.

HISTÓRIA. Assinale a alternativa que preenche corretamente os parênteses da Coluna B, de cima para baixo. HISTÓRIA 37 Associe as civilizações da Antigüidade Oriental, listadas na Coluna A, às características políticas que as identificam, indicadas na Coluna B. 1 2 3 4 COLUNA A Mesopotâmica Fenícia Egípcia

Leia mais

João Paulo I O NORDESTE COLONIAL. Professor Felipe Klovan

João Paulo I O NORDESTE COLONIAL. Professor Felipe Klovan João Paulo I O NORDESTE COLONIAL Professor Felipe Klovan A ECONOMIA AÇUCAREIRA Prof. Felipe Klovan Portugal já possuía experiência no plantio da cana-de-açúcar nas Ilhas Atlânticas. Portugal possuía banqueiros

Leia mais

VOLUME 1o. VOLUME 2o.

VOLUME 1o. VOLUME 2o. Programação Anual 1 ạ Série 1 ọ 2 ọ 1. A ciência geográfica Lugar, território e espaço 2. Astronomia Assim teve início a Astronomia Qual a origem do Universo? 3. Fusos horários Resolução de problemas com

Leia mais

Disputa pela hegemonia mundial entre Estados Unidos e URSS após a II Guerra Mundial. É uma intensa guerra econômica, diplomática e tecnológica pela conquista de zonas de influência. Ela divide o mundo

Leia mais

BIOLOGIA QUÍMICA HISTÓRIA GEOGRAFIA SOCIOLOGIA

BIOLOGIA QUÍMICA HISTÓRIA GEOGRAFIA SOCIOLOGIA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO PROCESSO DE INGRESSO NA UPE Sistema Seriado de Avaliação CADERNO DE PROVA - 2ºDIA BIOLOGIA QUÍMICA HISTÓRIA GEOGRAFIA SOCIOLOGIA DADOS DE IDENTIFICAÇÃO DO CANDIDATO Não deixe

Leia mais

Construção do Espaço Africano

Construção do Espaço Africano Construção do Espaço Africano Aula 2 Colonização Para melhor entender o espaço africano hoje, é necessário olhar para o passado afim de saber de que forma aconteceu a ocupação africana. E responder: O

Leia mais

Vestibular UFRGS 2015. Resolução da Prova de Geografia

Vestibular UFRGS 2015. Resolução da Prova de Geografia Vestibular UFRGS 2015 Resolução da Prova de Geografia 51. Alternativa (B) Orientação. A questão pede a localização de países que apresentam iluminação solar oposta a do Brasil. Como estava começando o

Leia mais

ENSINO MÉDIO. Geografia

ENSINO MÉDIO. Geografia ENSINO MÉDIO Geografia 2011 Governador do Estado de Pernambuco EDUARDO HENRIQUE ACCIOLY CAMPOS Secretário de Educação do Estado ANDERSON STEVENS LEÔNIDAS GOMES EQUIPE DE ELABORAÇÃO Evandro Ribeiro de Souza

Leia mais

RESOLUÇÕES E RESPOSTAS

RESOLUÇÕES E RESPOSTAS GEOGRAFIA 1 GRUPO CV 10/2009 RESOLUÇÕES E RESPOSTAS QUESTÃO 1: a) Os gráficos destacam que conforme ocorreu o aumento da população na grande São Paulo aumentaram também o número de viagens da população

Leia mais