PERFIL BÁSICO MUNICIPAL 2012 MERUOCA

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PERFIL BÁSICO MUNICIPAL 2012 MERUOCA"

Transcrição

1 PERFIL BÁSICO MUNICIPAL 2012

2 GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ Cid Ferreira Gomes Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho Vice Governador SECRETARIO DO PLANEJAMENTO E GESTÃO (SEPLAG) Eduardo Diogo Secretário INSTITUTO DE PESQUISA E ESTRATÉGIA ECONÔMICA DO CEARÁ (IPECE) Flávio Ataliba F. D. Barreto Diretor Geral Emanuel Lindemberg Silva Albuquerque Gerente GEGIN IPECE PERFIL BÁSICO MUNICIPAL 2012 Sobre o PERFIL BÁSICO MUNICIPAL O PERFIL BÁSICO MUNICIPAL apresenta uma visão panorâmica que compõem o do Ceará. Sua estrutura comporta cinco temas envolvendo informações geográficas, demográficas, sociais, culturais, infraestrutura, economia, finanças e, finalmente, poder local. Convenções...O dado é desconhecido, podendo o fenômeno existir ou não existir. - O fenômeno não existe. 0;0,0;0,00 O dado existe, mas seu valor é inferior à metade da unidade adotada. Equipe Técnica Cláudia Maria de Pontes Viana Fátima Juvenal de Sousa Kathiuscia Alves de Lima Margarida Maria Sérgio do Nascimento O Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (IPECE) é uma autarquia vinculada à Secretaria do Planejamento e Gestão do do Ceará. Fundado em 14 de abril de 2003, o IPECE é o órgão do Governo responsável pela geração de estudos, pesquisas e informações socioeconômicas e geográficas que permitem a avaliação de programas e a elaboração de estratégias e políticas públicas para o desenvolvimento do do Ceará. Missão Disponibilizar informações geosocioeconomicas, elaborar estratégias e propor políticas públicas que viabilizem o desenvolvimento do do Ceará. Valores Ética e transparência; Rigor científico; Competência profissional; Cooperação interinstitucional e Compromisso com a sociedade. Visão Ser reconhecido nacionalmente como centro de excelência na geração de conhecimento socioeconômico e geográfico até INSTITUTO DE PESQUISA E ESTRATÉGIA ECONÔMICA DO CEARÁ (IPECE) Av. Gal. Afonso Albuquerque Lima, s/nº - Edifício SEPLAG, 2º Andar Centro Administrativo Governador Virgílio Távora Cambeba Tel. (85) CEP: Fortaleza-CE.

3 Apresentação O Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (IPECE) disponibiliza para o Governo e a sociedade o Perfil Básico Municipal As informações contidas no Perfil Básico Municipal, na forma de tabelas e gráficos, envolvem as principais características geográficas e socioeconômicas para cada um dos 184 municípios do do Ceará. Com este documento, almejamos contribuir para a formação e divulgação de ampla base de indicadores sobre os municípios cearenses subsidiando o planejamento de projetos, programas e políticas públicas voltadas para a melhora da qualidade de vida da população cearense. Na oportunidade, externamos nossos agradecimentos a todas as instituições que forneceram os dados, e enfatizamos o empenho da equipe técnica do IPECE, na concretização deste trabalho. Flávio Ataliba Flexa Daltro Barreto Diretor Geral

4 Sumário 1- CARACTERIZAÇÃO GEOGRÁFICA ASPECTOS GERAIS POSIÇÃO E EXTENSÃO CARACTERÍSTICAS AMBIENTAIS DIVISÃO POLÍTICO-ADMINISTRATIVA ASPECTOS DEMOGRÁFICOS E SOCIAIS DEMOGRAFIA DOMICÍLIOS SAÚDE EDUCAÇÃO ÍNDICES DE DESENVOLVIMENTO EMPREGO E RENDA INFRAESTRUTURA SANEAMENTO ENERGIA ELÉTRICA E COLETA DE LIXO ECONOMIA E FINANÇAS PRODUTO INTERNO BRUTO FINANÇAS PÚBLICAS POLÍTICA... 18

5 Perfil Básico Municipal CARACTERIZAÇÃO GEOGRÁFICA ASPECTOS GERAIS Características de Origem Sobral Ano de Criação Lei de Criação Toponímia - Palavra originária do tupi, que significa morada das moscas Gentílico - Merouquense Código Fonte: IBGE/IPECE POSIÇÃO E EXTENSÃO Situação Geográfica Coordenadas Geográficas Latitude(S) Longitude(WGr) Localização s Limítrofes Norte Sul Leste Oeste 3º 32' 30" 40º 27' 18" Noroeste Massapê Sobral Massapê Alcântaras Fonte: IBGE/IPECE. Medidas Territoriais Área Absoluta (km 2 ) Relativa (%) Altitude (m) Distância em Linha Reta a Capital (km) Fonte: IBGE/IPECE. 144,94 0, CARACTERÍSTICAS AMBIENTAIS Aspectos Climáticos Clima Pluviosidade (mm) Temperatura Média (ºC) Período Chuvoso Tropical Quente Semi-árido Brando, Tropical Quente Sub-úmido Fonte: FUNCEME/IPECE ,0 24º a 26º janeiro a maio Componentes Ambientais Relevo Solos Vegetação Bacia Hidrográfica Depressão Sertaneja, Maciços Residuais Bruno não Cálcico, Podzólico Vermelho-Amarelo, Solos Litólocos Caatinga Arbustiva Aberta, Floresta Subcaducifólia Tropical Pluvial,Floresta Subperenifólia Tropical Plúvio-Nebular Acaraú e Coreaú Fonte: FUNCEME/IPECE.

6 6 Perfil Básico Municipal DIVISÃO POLÍTICO-ADMINISTRATIVA Divisão Territorial Códigos Distritos Ano de Criação Meruoca Anil Camilos Palestina do Norte Santo Antônio dos Fernandes São Francisco 1964 Fonte: IBGE/IPECE. Regionalização Região Administrativa Fonte: IBGE/IPECE. Macrorregião de Planejamento Mesorregião Microrregião 6 Sobral/Ibiapaba Noroeste Cearense Meruoca

7 Perfil Básico Municipal ASPECTOS DEMOGRÁFICOS E SOCIAIS DEMOGRAFIA População Residente 1991/2000/2010 População Residente Nº % Nº % Nº % Total , , ,00 Urbana , , ,19 Rural , , ,81 Homens , , ,20 Mulheres , , ,80 Fonte: IBGE Censos Demográficos 1991/2000/2010. Estim ativa da População - Meruoca Fonte: IBGE População Recenseada, por Sexo, Segundo os Grupos de Idade /2010 População Residente Grupos de idade Total Homens Mulheres Total anos anos anos anos anos anos anos anos anos anos anos anos anos ou mais Fonte: Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) Censos Demográficos 2000/2010.

8 8 Perfil Básico Municipal Indicadores Demográficos 1991/2000/2010 Indicadores Demográficos Densidade demográfica (hab./km 2 ) 38,01 73,30 91,38 Taxa geométrica de crescimento anual (%) (1) Total -0,03 0,92 1,90 Urbana 6,24 4,19 2,80 Rural -2,32-1,52 0,94 Taxa de urbanização (%) 37,32 49,63 54,19 Razão de sexo 98,48 99,84 100,81 Participação nos grandes grupos populacionais (%) 100,00 100,00 100,00 0 a 14 anos 43,11 36,62 27,31 15 a 64 anos 50,04 55,29 63,51 65 anos e mais 6,85 8,10 9,17 Razão de dependência (2) 99,85 80,87 57,45 Fonte: IBGE Censos Demográficos 1991/2000/2010. (1) Taxas nos períodos 1980/91 e 1991/00 para os anos de 1991, 2000 e 2010, respectivamente. (2) Quociente entre população dependente, isto é, pessoas menores de 15 anos e com 65 anos ou mais de idade e a população potencialmente ativa, isto é, pessoas com idade entre 15 e 64 anos DOMICÍLIOS Domicílios Particulares Ocupados por Situação e Média de Moradores 2010 Situação Quantidade Domicílios Particulares Ocupados Média de Moradores Total ,90 3,56 Urbana ,79 3,49 Rural ,02 3,79 Fonte: IBGE Censo Demográfico SAÚDE Unidades de Saúde Ligadas ao Sistema Único de Saúde (SUS), por Tipo de Prestador Tipo de Prestador Unidades de Saúde Ligadas ao SUS Quantidade % Total ,00 Pública ,00 Privada - - Fonte: Secretaria da Saúde do do Ceará (SESA). Unidades de Saúde Ligadas ao Sistema Único de Saúde (SUS), por Tipo de Unidade Tipo de Unidade Unidades de Saúde Ligadas ao SUS Total (1) Hospital geral Hospital especializado - 48 Posto de saúde Clínica especializada/ambulatório especialidades Consultórios isolados - 24 Unidade mista 1 46 Unidade móvel - 19 Unidade de vigilância sanitária Centro de saúde/unidade básica de saúde Laboratório central de saúde pública - 3 Centro de atenção psicossocial Unidade de serviço auxiliar de diagnóstico e terapia Farmácia isolada - 30 Policlínica - 39 Pronto socorro especializado - 5 Fonte: Secretaria da Saúde do do Ceará (SESA). (1) Inclui (Hospital/Dia - Isolado, Centro de parto isolado, Centro de apoio a saúde da família, Centro de atenção hemoterápica/hemoce, Unidade de atenção a saúde indígena, Cooperativa e Secretaria de saúde).

9 Perfil Básico Municipal 9 Profissionais de Saúde, Ligados ao Sistema Único de Saúde (SUS) 2011 Profissionais de Saúde Ligados ao SUS Total Médicos Dentistas Enfermeiros Outros profissionais de saúde/nível superior Agentes comunitários de saúde Outros profissionais de saúde/nível médio Fonte: Secretaria da Saúde do do Ceará (SESA). Nota: Profissionais de saúde cadastrados em unidades de entidades públicas e privadas. Crianças Acompanhadas pelo Programa Agentes de Saúde Crianças Acompanhadas pelo Programa Agentes de Saúde (%) Até 4 meses só mamando 72,90 70,90 De 0 a 11 meses com vacina em dia 99,50 95,40 De 0 a 11 meses subnutridas (1) 3,20 1,30 De 12 a 23 meses com vacina em dia 99,10 95,50 De 12 a 23 meses subnutridas (1) 3,20 2,90 Peso < 2,5 kg ao nascer 8,00 7,40 Fonte: Secretaria da Saúde do do Ceará (SESA). (1) Crianças com peso inferior a P 10. Principais Indicadores de Saúde 2011 Principais Indicadores de Saúde Médicos/1.000 hab. 0,72 1,12 Dentistas/1.000 hab. 0,29 0,31 Leitos/1.000 hab. 1,23 2,44 Unidades de saúde/1.000 hab. 0,86 0,41 Taxa de internação por AVC (40 anos ou mais)/ hab. 32,71 25,28 Nascidos vivos 2, Óbitos Taxa de mortalidade infantil/1.000 nascidos vivos 23,81 13,32 Fonte: Secretaria da Saúde do do Ceará (SESA). Taxa de m ortalidade infantil (por m il nascidos vivos) Taxa de internação por AVC ( > 40 anos - por dez m il hab) 30,00 25,00 20,00 15,00 10,00 40,00 30,00 20,00 10,00 28,46 23,03 25,28 32,71 5,00 0, , Ceará Meruoca Ceará Meruoca Fonte: Secretaria da Saúde (SESA) Fonte: SESA - Sistema de Informações Hospitalares

10 10 Perfil Básico Municipal Casos Confirmados das Doenças de Notificação Compulsória 2011 Casos Confirmados das Doenças de Notificação Compulsória AIDS Dengue Febre tifoide - 1 Hanseníase Hepatite viral Leishmaniose tegumentar Leishmaniose Visceral Leptospirose Meningite Raiva - - Tétano acidental - 28 Tuberculose Fonte: Secretaria da Saúde do do Ceará (SESA) EDUCAÇÃO Docentes e Matrícula Inicial Dependência Administrativa Docentes Matrícula Inicial Total Federal Estadual Municipal Particular Fonte: Secretaria da Educação Básica (SEDUC). Escolas com Equipamentos e Salas de Aula Federal Estadual Municipal Particular Equip./ Equip./ Equip./ Equip./ Nº Nº Nº Nº escola escola escola escola Total de escolas Bibliotecas ,00 4 0, Laboratório de informática , , Salas de aula Fonte: Secretaria da Educação Básica (SEDUC). Indicadores Educacionais no Ensino Fundamental e Médio 2011 Ensino Fundamental Indicadores Educacionais Ensino Médio Taxas (%) Escolarização líquida 86,64 87,04 49,40 49,01 Aprovação 94,20 89,60 87,80 81,80 Reprovação 4,90 7,80 4,70 6,70 Abandono 0,90 2,60 7,50 11,50 Alunos por sala de aula 24,20 27,57 75,91 33,99 Fonte: Secretaria da Educação Básica (SEDUC).

11 Perfil Básico Municipal 11 Alunos por sala de aula Meruoca- Ceará ,00 40,00 30,00 20,00 10,00 0,00 46,85 47,11 38,84 36, Fonte: SEDUC Ceará Meruoca Taxa de Analfabetismo Funcional para Pessoas com 15 anos ou mais 2000/ População residente 15 anos ou mais População alfabetizada 15 anos ou mais Taxa de analfabetismo funcional (15 anos ou mais) 33,25 18,71 26,54 18,78 Fonte: Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) Censos Demográficos 2000/2010. Proporção de docentes com grau de formação nível superior Meruoca ,00 80,00 60,00 40,00 Ceará Meruoca 20,00 0,00 Fonte: SEDUC Educação Infantil Ensino Ensino Médio Fundamental Educação Infantil Ensino Ensino Médio Fundamental

12 12 Perfil Básico Municipal 2.5 ÍNDICES DE DESENVOLVIMENTO Índices de Desenvolvimento Índices Valor Posição no Ranking Índice de Desenvolvimento Municipal (IDM) ,52 33 Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) , Índice de Desenvolvimento Social de Oferta (IDS-O) , Índice de Desenvolvimento Social de Resultado (IDS-R) , Fonte: IPECE/PNUD. População Extremamente Pobre: (Com rendimento domiciliar per capita mensal de até R$ 70,00) População Extremamente Pobre % % Total , ,78 Urbana , ,44 Rural , ,88 Fonte: Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) Censo Demográfico EMPREGO E RENDA Número de Empregos Formais Número de Empregos Formais Total Masculino Feminino Total Masculino Feminino Total das Atividades Extrativa Mineral Indústria de Transformação Serviços Industriais de Utilidade Pública Construção Civil Comércio Serviços Administração Pública Agropecuária Fonte: RAIS/2011 MTE. Saldo de Empregos Formais Saldo de Empregos Formais Admitidos Desligados Saldo Admitidos Desligados Saldo Total das Atividades Extrativa Mineral Indústria de Transformação Serviços Industriais de Utilidade Pública Construção Civil Comércio Serviços Administração Pública Agropecuária Fonte: CAGED-MTE.

13 Perfil Básico Municipal 13 Estoque de em prego form al por faixa etária Meruoca OU MAIS 50 A 64 I d a d e s 40 A A A A 24 ATE Fonte: RAIS Nº empregos formais Renda Domiciliar per capita (Salário mínimo R$ 510,00) Nº % Nº % (%) / Total , ,00 0,15 Até 1/ , ,80 0,18 Mais de 1/4 a 1/ , ,41 0,00 Mais de 1/2 a , ,89 0,15 Mais de 1 a , ,72 0,09 Mais de 2 a , ,95 0,06 Mais de , ,75 0,05 Sem rendimento 146 4, ,45 0,14 Fonte: Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) Censo Demográfico 2010.

14 14 Perfil Básico Municipal 3 INFRAESTRUTURA SANEAMENTO Abastecimento de Água Abastecimento de Água % Sobre o Total do Ligações reais ,08 Ligações ativas ,08 Volume produzido (m 3 ) ,09 Taxa de cobertura d água urbana (%) (1) 93,40 91,57 - Fonte: Companhia de Água e Esgoto do Ceará (CAGECE)/ SE INFRA. (1) Dados referente à Esgotamento Sanitário 2011 Esgotamento Sanitário % Sobre o Total do Ligações reais Ligações ativas Taxa de cobertura urbana de esgoto (%) (1) 12,88 28,87 - Fonte: Companhia de Água e Esgoto do Ceará (CAGECE)/ SE INFRA. (1) Dados referente à ,00 Abastecimento d'água e esgotamento sanitário Meruoca ,82 93,40 80,00 60,00 40,00 20,00 0,00 11,69 12, Água Esgoto Fonte: SEINFRA Domicílios Particulares Permanentes Segundo as Formas de Abastecimento de Água /2010 Formas de Abastecimentos 2000 % 2010 % 2000 % 2010 % Total , , , ,00 Ligada a rede geral , , , ,22 Poço ou nascente , , , ,35 Outra , , , ,43 Fonte: Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) Censos Demográficos /2010. Domicílios Particulares Permanente Segundo os Tipos de Esgotamento Sanitário /2010 Tipos de Esgotamentos Sanitários 2000 % 2010 % 2000 % 2010 % Total (1) , , , ,00 Rede geral ou pluvial 179 7, , , ,76 Fossa séptica 66 2, , , ,62 Outra , , , ,38 Não tinham banheiros , , , ,24 Fonte: Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) Censos Demográficos /2010. (1) Inclusive os domicílios sem declaração da existência de banheiro ou sanitário.

15 Perfil Básico Municipal ENERGIA ELÉTRICA E COLETA DE LIXO Consumo e Consumidores de Energia Elétrica Classes de Consumo Consumo (mwh) Consumidores Total Residencial Industrial 1 - Comercial Rural Público Próprio 33 2 Fonte: Companhia Energética do Ceará (COELCE). Domicílios Particulares Permanente Segundo Energia Elétrica e Lixo Coletado / % 2010 % 2000 % 2010 % Total Com energia elétrica , , , ,94 Com lixo coletado , , , ,34 Fonte: Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) Censos Demográficos /2010.

16 16 Perfil Básico Municipal 4 ECONOMIA E FINANÇAS PRODUTO INTERNO BRUTO Produto Interno Bruto PIB a preços de mercado (R$ mil) PIB per capita (R$ 1,00) PIB por setor (%) Agropecuária 11,57 5,10 Indústria 11,86 24,51 Serviços 76,57 70,38 Fontes: IBGE/IPECE Produto Interno Bruto a preços de m ercado e Produto Interno Bruto per capita - Meruoca PIB (R$ mil) PIB per capita (R$) FONTE: IPECE e IBGE FINANÇAS PÚBLICAS Receita Municipal Valor Corrente (R$ mil) Receita Municipal % Sobre a Receita Total Receita Total ,00 Receitas correntes ,29 Receita tributária 781 3,18 Receita de contribuições 206 0,84 Receita patrimonial 114 0,46 Receita de serviços 43 0,18 Transferências correntes ,40 Outras receitas correntes 56 0,26 Receitas de capital ,00 Fonte: Tribunal de Contas dos s (TCM). Despesa Municipal Valor Corrente (R$ mil) Despesa Municipal % Sobre a Despesa Total Total ,00 Despesas correntes ,71 Pessoal e encargos sociais ,83 Juros e encargos da dívida 105 0,45 Outras despesas correntes ,43 Despesas de capital ,29 Investimentos ,57 Inversões financeiras 98 0,00 Amortização da dívida 301 1,30 Fonte: Tribunal de Contas dos s (TCM).

17 Perfil Básico Municipal 17 Receita Estadual Arrecadada Valor Corrente (R$ mil) Receita Estadual Arrecadada % Sobre a Receita Total Receita total Receita tributária ,00 Receita do ICMS ,24 Fonte: Secretaria da Fazenda (SEFAZ). Nota: Não foram considerados ajustes e anulações de receitas. Receita da União Arrecadada Valor Corrente (R$ mil) Receita da União Arrecadada % Sobre a Receita Total Receita total Arrecadação IPI - - Fonte: Secretaria Regional da Receita Federal. Nota: Arrecadação bruta sem retificações.

18 18 Perfil Básico Municipal 5 POLÍTICA Prefeitura Endereço Telefone / Av. Pedro Sampaio, 1385 Centro (88) Fax (88) C.E.P: Fonte: Associação dos s e Prefeitos do do Ceará (APRECE). Prefeito Eleito Nome Francisco Antônio Fonteles Fonte: Associação dos s e Prefeitos do do Ceará (APRECE). Partido PT

PERFIL BÁSICO MUNICIPAL

PERFIL BÁSICO MUNICIPAL GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DO PLANEJAMENTO E GESTÃO (SEPLAG) Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (IPECE) PERFIL BÁSICO MUNICIPAL Fortaleza-CE 2009 Apresentação O Instituto

Leia mais

Apresentação. Flávio Ataliba Flexa Daltro Barreto. Diretor Geral

Apresentação. Flávio Ataliba Flexa Daltro Barreto. Diretor Geral Apresentação O Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (IPECE) disponibiliza para o Governo e a sociedade o Perfil Básico Municipal 2011. As informações contidas no Perfil Básico Municipal,

Leia mais

PERFIL BÁSICO MUNICIPAL 2012 CARIDADE

PERFIL BÁSICO MUNICIPAL 2012 CARIDADE PERFIL BÁSICO MUNICIPAL 2012 GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ Cid Ferreira Gomes Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho Vice Governador SECRETARIO DO PLANEJAMENTO E GESTÃO (SEPLAG) Eduardo Diogo Secretário

Leia mais

PERFIL BÁSICO MUNICIPAL 2015 CARIDADE

PERFIL BÁSICO MUNICIPAL 2015 CARIDADE PERFIL BÁSICO MUNICIPAL 2015 GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ Camilo Sobreira de Santana Governador Maria Izolda Cela de Arruda Coelho Vice Governadora SECRETARIO DO PLANEJAMENTO E GESTÃO (SEPLAG) Hugo Santana

Leia mais

PERFIL BÁSICO MUNICIPAL

PERFIL BÁSICO MUNICIPAL GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DO PLANEJAMENTO E GESTÃO (SEPLAG) Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (IPECE) PERFIL BÁSICO MUNICIPAL MARCO Fortaleza-CE 2008 Apresentação O Instituto

Leia mais

Caracterização dos Territórios de Identidade Território 15 - Bacia do Jacuípe

Caracterização dos Territórios de Identidade Território 15 - Bacia do Jacuípe Caracterização dos Territórios de Identidade Território 15 - Bacia do Jacuípe Municípios Dados Gerais Quantidade de Área Total (km 2 População Total Densidade ) municípios Demográfica 14 10.605,76 237.237

Leia mais

SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Palestina do Pará

SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Palestina do Pará SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Palestina do Pará DEMOGRAFIA População Total 7.475 População por Gênero Masculino 3.879 Participação % 51,89 Feminino

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Peruíbe, SP 30/07/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 323,17 km² IDHM 2010 0,749 Faixa do IDHM Alto (IDHM entre 0,700 e 0,799) (Censo 2010) 59773 hab. Densidade

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Novo Mundo, MT 02/08/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 5826,18 km² IDHM 2010 0,674 Faixa do IDHM Médio (IDHM entre 0,6 e 0,699) (Censo 2010) 7332 hab. Densidade

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Vera, MT 02/08/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 2962,4 km² IDHM 2010 0,680 Faixa do IDHM Médio (IDHM entre 0,6 e 0,699) (Censo 2010) 10235 hab. Densidade demográfica

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Porto Alegre do Norte, MT 02/08/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 3994,51 km² IDHM 2010 0,673 Faixa do IDHM Médio (IDHM entre 0,6 e 0,699) (Censo 2010) 10748 hab.

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de São José do Rio Claro, MT 02/08/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 5074,56 km² IDHM 2010 0,682 Faixa do IDHM Médio (IDHM entre 0,6 e 0,699) (Censo 2010) 17124 hab.

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Cabo Verde, MG 29/07/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 368,15 km² IDHM 2010 0,674 Faixa do IDHM Médio (IDHM entre 0,6 e 0,699) (Censo 2010) 13823 hab. Densidade

Leia mais

SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Brasil Novo

SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Brasil Novo SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Brasil Novo DEMOGRAFIA População Total 15.690 População por Gênero Masculino 8.314 Participação % 52,99 Feminino 7.376

Leia mais

SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Breves

SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Breves SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Breves DEMOGRAFIA População Total 92.860 População por Gênero Masculino 47.788 Participação % 51,46 Feminino 45.072 Participação

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Guaranésia, MG 29/07/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 294,28 km² IDHM 2010 0,701 Faixa do IDHM Alto (IDHM entre 0,700 e 0,799) (Censo 2010) 18714 hab. Densidade

Leia mais

EDUCAÇÃO. SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Salvaterra

EDUCAÇÃO. SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Salvaterra SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Salvaterra DEMOGRAFIA População Total 20.183 População por Gênero Masculino 10.292 Participação % 50,99 Feminino 9.891

Leia mais

Rendimento Médio Populacional (R$) Total 311,58 Urbana 347,47 Rural 168,26

Rendimento Médio Populacional (R$) Total 311,58 Urbana 347,47 Rural 168,26 SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Marabá DEMOGRAFIA População Total 233.669 População por Gênero Masculino 118.196 Participação % 50,58 Feminino 115.473

Leia mais

SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Itaituba

SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Itaituba SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Itaituba DEMOGRAFIA População Total 97.493 População por Gênero Masculino 49.681 Participação % 50,96 Feminino 47.812

Leia mais

Nº 27 Março 2012 Análise da Evolução das Características dos Domicílios Cearenses em Termos da Existência de Bens Duráveis na Década de 2000

Nº 27 Março 2012 Análise da Evolução das Características dos Domicílios Cearenses em Termos da Existência de Bens Duráveis na Década de 2000 Nº 27 Março 2012 Análise da Evolução das Características dos Domicílios Cearenses em Termos da Existência de Bens Duráveis na Década de 2000 GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ Cid Ferreira Gomes Governador Domingos

Leia mais

Nº 74 Fevereiro de 2014. O Uso de Drogas Ilícitas entre Estudantes do Ensino Fundamental em Fortaleza e demais Capitais Brasileiras - 2012.

Nº 74 Fevereiro de 2014. O Uso de Drogas Ilícitas entre Estudantes do Ensino Fundamental em Fortaleza e demais Capitais Brasileiras - 2012. Nº 74 Fevereiro de 2014 O Uso de Drogas Ilícitas entre Estudantes do Ensino Fundamental em Fortaleza e demais Capitais Brasileiras - 2012. GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ Cid Ferreira Gomes Governador Domingos

Leia mais

Nº 19 Novembro de 2011. A Evolução da Desigualdade de Renda entre os anos de 2000 e 2010 no Ceará e Estados Brasileiros Quais foram os avanços?

Nº 19 Novembro de 2011. A Evolução da Desigualdade de Renda entre os anos de 2000 e 2010 no Ceará e Estados Brasileiros Quais foram os avanços? Nº 19 Novembro de 2011 A Evolução da Desigualdade de Renda entre os anos de 2000 e 2010 no Ceará e Estados Brasileiros Quais foram os avanços? GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ Cid Ferreira Gomes Governador Domingos

Leia mais

Nº 23 Março 2012. Perfil da Raça da População Cearense

Nº 23 Março 2012. Perfil da Raça da População Cearense Nº 23 Março 2012 Perfil da Raça da População Cearense Análise a partir dos dados do Censo Demográfico 2010 GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ Cid Ferreira Gomes Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho Vice Governador

Leia mais

Perfil Municipal - Rio Bom (PR)

Perfil Municipal - Rio Bom (PR) Caracterização do Território Área: 177,4 km² u Densidade Demográfica: 20,0 hab/km² Altitude da Sede: 680 m Ano de Instalação: 1.964 Distância à Capital: 284,5 km Microrregião: Faxinal Mesorregião: Norte

Leia mais

O Desempenho Socioeconômico Recente dos Municípios Cearenses e seus Principais Desafios. Flávio Ataliba Barreto Diretor Geral - IPECE

O Desempenho Socioeconômico Recente dos Municípios Cearenses e seus Principais Desafios. Flávio Ataliba Barreto Diretor Geral - IPECE O Desempenho Socioeconômico Recente dos Municípios Cearenses e seus Principais Desafios Flávio Ataliba Barreto Diretor Geral - IPECE 30 de Agosto de 2013 Dados Recentes sobre o Ceará Gráfico 1: Taxa de

Leia mais

Nº 75 Março 2014 Análise da Evolução das Vendas do Varejo Cearense - 2007 a 2013

Nº 75 Março 2014 Análise da Evolução das Vendas do Varejo Cearense - 2007 a 2013 Nº 75 Março 2014 Análise da Evolução das Vendas do Varejo Cearense - 2007 a 2013 GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ Cid Ferreira Gomes Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho Vice Governador SECRETARIO DO PLANEJAMENTO

Leia mais

RELAÇÃO DAS TABELAS EIA TOMO I

RELAÇÃO DAS TABELAS EIA TOMO I RELAÇÃO DAS TABELAS EIA TOMO I Capitulo 2 TABELA 2.1. Linhas que Operam Atualmente 2.8 TABELA 2.2. Nº de Linhas, Frotas e Movimentação de Passageiros 2.8 TABELA 2.3. Tarifas do Sistema Coletivo de São

Leia mais

400m. Cruz Alta. 689,31 Km². 395 Km

400m. Cruz Alta. 689,31 Km². 395 Km TERRITÓRIO VARIÁVEIS Altitude média Desmembramento INFORMAÇÃO 400m Cruz Alta Instalação 19/10/1890 Área Territorial Dist. à Capital 689,31 Km² 395 Km IJUÍ - RS ÁREA POLÍTICO-ADMINISTRATIVA Número Eleitores

Leia mais

Nº 56 Março 2013. Desequilíbrios Regionais no Brasil e a Distribuição Desigual de Recursos Entre os Estados

Nº 56 Março 2013. Desequilíbrios Regionais no Brasil e a Distribuição Desigual de Recursos Entre os Estados Nº 56 Março 2013 Desequilíbrios Regionais no Brasil e a Distribuição Desigual de Recursos Entre os Estados GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ Cid Ferreira Gomes Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho Vice Governador

Leia mais

CASA VERDE/CACHOEIRINHA

CASA VERDE/CACHOEIRINHA Casa Verde / CASA VERDE/CACHOEIRINHA R e g i ã o N o r t e Assessoria de Imprensa - Subprefeitura de CENTRO REFERÊNCIA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL MORRINHOS. 17 Casa Verde / Pirâmide Populacional Rendimento

Leia mais

Panorama Municipal. Município: Aliança / PE. Aspectos sociodemográficos. Demografia

Panorama Municipal. Município: Aliança / PE. Aspectos sociodemográficos. Demografia Município: Aliança / PE Aspectos sociodemográficos Demografia A população do município ampliou, entre os Censos Demográficos de 2000 e 2010, à taxa de 0,06% ao ano, passando de 37.188 para 37.415 habitantes.

Leia mais

Ficha Técnica dos indicadores de saúde disponibilizados por meio do aplicativo Statplanet. Mortalidade

Ficha Técnica dos indicadores de saúde disponibilizados por meio do aplicativo Statplanet. Mortalidade Secretaria Municipal da Saúde Coordenação de Epidemiologia e Informação - CEInfo Ficha Técnica dos indicadores de saúde disponibilizados por meio do aplicativo Statplanet Mortalidade Taxa ou Coeficiente

Leia mais

CANCER INCIDENCE IN THE MINAS GERAIS STATE WITH EMPHASIS IN THE REGION OF POÇOS DE CALDAS PLATEAU

CANCER INCIDENCE IN THE MINAS GERAIS STATE WITH EMPHASIS IN THE REGION OF POÇOS DE CALDAS PLATEAU Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais CANCER INCIDENCE IN THE MINAS GERAIS STATE WITH EMPHASIS IN THE REGION OF POÇOS DE CALDAS PLATEAU Berenice Navarro Antoniazzi Epidemiologista Coordenadora

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE FUNDAÇÃO NACIONAL DE SAÚDE Coordenação Regional de santa Catarina ATENÇÃO

MINISTÉRIO DA SAÚDE FUNDAÇÃO NACIONAL DE SAÚDE Coordenação Regional de santa Catarina ATENÇÃO ATENÇÃO Apresentação do Seminário A Lei da Política Nacional do Saneamento Básico (lei 11.445/07) e o Inquérito Civil Público Estadual 04/04/PGJ/MPSC, realizado nos dias 30 e 31 de outubro de 2008. Arquivos

Leia mais

Sistema de Monitoramento e avaliação dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio em Belo Horizonte

Sistema de Monitoramento e avaliação dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio em Belo Horizonte Sistema de Monitoramento e avaliação dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio em Belo Horizonte O Observatório do Milênio de Belo Horizonte é um espaço de produção, análise e disponibilização de informações

Leia mais

Rendimento Médio Populacional (R$) Total 288,39 Urbana 309,57 Rural 167,10

Rendimento Médio Populacional (R$) Total 288,39 Urbana 309,57 Rural 167,10 SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Jacundá DEMOGRAFIA População Total 51.360 População por Gênero Masculino 25.769 Participação % 50,17 Feminino 25.591

Leia mais

PERFIL GEOSSOCIOECONÔMICO: Um olhar para as Macrorregiões de Planejamento do Estado do Ceará

PERFIL GEOSSOCIOECONÔMICO: Um olhar para as Macrorregiões de Planejamento do Estado do Ceará GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DO PLANEJAMENTO E GESTÃO SEPLAG INSTITUTO DE PESQUISA E ESTRATÉGIA ECONÔMICA DO CEARÁ IPECE PERFIL GEOSSOCIOECONÔMICO: Um olhar para as Macrorregiões de Planejamento

Leia mais

Censo Demográfico 2010. Características Gerais dos Indígenas: Resultados do Universo

Censo Demográfico 2010. Características Gerais dos Indígenas: Resultados do Universo Censo Demográfico 2010 Características Gerais dos Indígenas: Resultados do Universo Rio de Janeiro, 10 de agosto de 2012 Identificação da população indígena nos Censos Demográficos do Brasil 1991 e 2000

Leia mais

EDUCAÇÃO Total de Escolas no Município Ensino Fundamental Ensino Médio Número de Matrículas Educação Infantil Creche 237

EDUCAÇÃO Total de Escolas no Município Ensino Fundamental Ensino Médio Número de Matrículas Educação Infantil Creche 237 SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Água Azul do Norte DEMOGRAFIA População Total 25.057 População por Gênero Masculino 13.618 Participação % 54,35 Feminino

Leia mais

SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Ananindeua DEMOGRAFIA População Total 471.

SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Ananindeua DEMOGRAFIA População Total 471. SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Ananindeua DEMOGRAFIA População Total 471.980 População por Gênero Masculino 226.635 Participação % 48,02 Feminino 245.345

Leia mais

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À FOME. Nota MDS Brasília, 02 de maio de 2011.

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À FOME. Nota MDS Brasília, 02 de maio de 2011. Nota MDS Brasília, 02 de maio de 2011. Assunto: O perfil da Extrema Pobreza no Brasil com base nos dados preliminares do universo do Censo 2010. 1. INTRODUÇÃO O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

Leia mais

Situação do Domicílio Abs. % Abs. % Total 16.938 100 10.444.526 100 Urbano 4.808 28,39 8.912.692 85,33 Rural 12.130 71,61 1.531.

Situação do Domicílio Abs. % Abs. % Total 16.938 100 10.444.526 100 Urbano 4.808 28,39 8.912.692 85,33 Rural 12.130 71,61 1.531. População segundo a Distribuição de Domicílios 2010 Situação do Domicílio Abs. % Abs. % Total 16.938 100 10.444.526 100 Urbano 4.808 28,39 8.912.692 85,33 Rural 12.130 71,61 1.531.834 14,66 FONTE: IPARDES/IBGE

Leia mais

A Ampliação do Acesso à Comunicação, à Informação e ao Entretenimento nos Domicílios Cearenses

A Ampliação do Acesso à Comunicação, à Informação e ao Entretenimento nos Domicílios Cearenses Nº 82 dezembro 2014 A Ampliação do Acesso à Comunicação, à Informação e ao Entretenimento nos Domicílios Cearenses Uma Análise Comparativa com o Brasil e os Estados Nordestinos 2002-2013 GOVERNO DO ESTADO

Leia mais

2ª Reunião da Comissão de Monitoramento Socioeconômico Fórum de Acompanhamento Social (FAS) da UHE Sinop. Sinop, 08 de Maio de 2015

2ª Reunião da Comissão de Monitoramento Socioeconômico Fórum de Acompanhamento Social (FAS) da UHE Sinop. Sinop, 08 de Maio de 2015 2ª Reunião da Comissão de Monitoramento Socioeconômico Fórum de Acompanhamento Social (FAS) da UHE Sinop Sinop, 08 de Maio de 2015 AGENDA 9h Boas vindas / Apresentação 9h15 - Exibição da Maquete Eletrônica

Leia mais

Dados da Nossa Região Projetos 2013-2014

Dados da Nossa Região Projetos 2013-2014 Dados da Nossa Região Projetos 2013-2014 { Rotary Club São Paulo Morumbi Comp. Antonio Limongi Presidente Comp. Claudio Moysés Governador D.4610 Ano rotário 2013-2014 Comp. Helen de Montille Ferreira RCSP

Leia mais

INDICADORES ESTATÍSTICOS

INDICADORES ESTATÍSTICOS INDICADORES ESTATÍSTICOS Indicadores Ano Unidade Estrutura Territorial Área 28 Km 2 27 332,4 92 9, Concelhos - Freguesias 28 nº 47-31 38-426 Lugares 28 nº 947 26797 Cidades Estatísticas 28 nº 15 151 Densidade

Leia mais

INDICADORES DEMOGRÁFICOS E NORDESTE

INDICADORES DEMOGRÁFICOS E NORDESTE INDICADORES DEMOGRÁFICOS E SOCIAIS E ECONÔMICOS DO NORDESTE Verônica Maria Miranda Brasileiro Consultora Legislativa da Área XI Meio Ambiente e Direito Ambiental, Organização Territorial, Desenvolvimento

Leia mais

Diagnóstico Socioeconômico e Ambiental da Região de Integração Xingu. Geovana Pires Diretora de Socioeconomia da FAPESPA

Diagnóstico Socioeconômico e Ambiental da Região de Integração Xingu. Geovana Pires Diretora de Socioeconomia da FAPESPA Diagnóstico Socioeconômico e Ambiental da Região de Integração Xingu Geovana Pires Diretora de Socioeconomia da FAPESPA RI XINGU PIB de R$ 2,7 bilhões, respondendo por 3% do total do estado. 57.149 empregos

Leia mais

ITBI (em R$ 1,00) 1.258.571 701.012 525.467 Receita Total Orçamentária 32.680.473 29.544.593

ITBI (em R$ 1,00) 1.258.571 701.012 525.467 Receita Total Orçamentária 32.680.473 29.544.593 AGRICULTURA Amendoim área colhida (hectares) 20 Amendoim produção (t/a) 40 Banana área colhida (hectares) 5 Banana produção (t/a) 11 Borracha área colhida (látex.) 36 Borracha produção (látex.) (t/a) 120

Leia mais

Relatório Estadual de Acompanhamento - 2008. Relatório Estadual de Acompanhamento 2008 Objetivos de Desenvolvimento do Milênio

Relatório Estadual de Acompanhamento - 2008. Relatório Estadual de Acompanhamento 2008 Objetivos de Desenvolvimento do Milênio Relatório Estadual de Acompanhamento 2008 Objetivos de Desenvolvimento do Milênio 1- Erradicar a extrema pobreza e a fome Meta 1: Reduzir pela metade, entre 1990 e 2015, a proporção da população com renda

Leia mais

Avanços da Educação no Brasil. Brasília, 29 de janeiro

Avanços da Educação no Brasil. Brasília, 29 de janeiro Avanços da Educação no Brasil Brasília, 29 de janeiro Objetivos Objetivo 1 - Cuidados na primeira infância e educação; Objetivo 2 - Educação primária universal (EPU); Objetivo 3 - Habilidades para jovens

Leia mais

ELEITORES E ZONAS ELEITORAIS FONTE DATA REGIÃO

ELEITORES E ZONAS ELEITORAIS FONTE DATA REGIÃO TERRITÓRIO E GOVERNADOR Desmembrado de Estado de São Paulo Data de Instalação 19/12/1853 Data de Comemoração (Aniversário) 19 de Dezembro Governador(a) (TRE-PR) Carlos Alberto Richa ELEITORES E ZONAS ELEITORAIS

Leia mais

O Desempenho do Investimento Público do Ceará, 2007 2012, uma análise comparativa entre os Estados.

O Desempenho do Investimento Público do Ceará, 2007 2012, uma análise comparativa entre os Estados. Enfoque Econômico é uma publicação do IPECE que tem por objetivo fornecer informações de forma imediata sobre políticas econômicas, estudos e pesquisas de interesse da população cearense. Por esse instrumento

Leia mais

ANÁLISE DA INCIDÊNCIA DE DOENÇAS DE VEICULAÇÃO HÍDRICA NA REGIÃO DE JACARAÍPE E NOVA ALMEIDA, SERRA, ES. DEVAIR VIAL BRZESKY

ANÁLISE DA INCIDÊNCIA DE DOENÇAS DE VEICULAÇÃO HÍDRICA NA REGIÃO DE JACARAÍPE E NOVA ALMEIDA, SERRA, ES. DEVAIR VIAL BRZESKY ANÁLISE DA INCIDÊNCIA DE DOENÇAS DE VEICULAÇÃO HÍDRICA NA REGIÃO DE JACARAÍPE E NOVA ALMEIDA, SERRA, ES. DEVAIR VIAL BRZESKY Importância da água para a vida: Higiene pessoal. Preparação dos alimentos.

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DO PLANEJAMENTO E GESTÃO Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (IPECE)

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DO PLANEJAMENTO E GESTÃO Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (IPECE) GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DO PLANEJAMENTO E GESTÃO Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (IPECE) NOTA TÉCNICA Nº 24 O Potencial Financeiro Da Lei De Incentivo Ao Esporte No

Leia mais

Perfil Municipal de Fortaleza. Tema X: A Dinâmica das Classes Sociais na Última Década. Edição Especial. Nº 45 Novembro 2012

Perfil Municipal de Fortaleza. Tema X: A Dinâmica das Classes Sociais na Última Década. Edição Especial. Nº 45 Novembro 2012 Nº 45 Novembro 2012 Edição Especial Perfil Municipal de Fortaleza Tema X: A Dinâmica das Classes Sociais na Última Década 4 1 GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ Cid Ferreira Gomes Governador Domingos Gomes de

Leia mais

Evolução demográfica 1950-2010

Evolução demográfica 1950-2010 Evolução demográfica 195-1 37 A estrutura etária da população brasileira em 1 reflete as mudanças ocorridas nos parâmetros demográficos a partir da segunda metade do século XX. Houve declínio rápido dos

Leia mais

Censo Demográfico 2010 Retratos do Brasil e do Piauí

Censo Demográfico 2010 Retratos do Brasil e do Piauí Censo Demográfico 2010 Retratos do Brasil e do Piauí Eduardo Pereira Nunes Presidente do IBGE Teresina, 12 de Agosto de 2011 Brasil Todos os domicílios residenciais particulares foram recenseados A coleta

Leia mais

1. DISTRIBUIÇÃO DAS INSTITUIÇÕES DE ENSINO SUPERIOR NO TERRITÓRIO NACIONAL POR REGIÕES

1. DISTRIBUIÇÃO DAS INSTITUIÇÕES DE ENSINO SUPERIOR NO TERRITÓRIO NACIONAL POR REGIÕES Nº 72 Fevereiro 2014 Análise da Distribuição Espacial das Instituições de Ensino Superior Brasileiras a partir dos Dados do Censo da Educação Superior de 2011 GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ Cid Ferreira Gomes

Leia mais

Censo Demográfico 2010. Características Gerais da População, Religião e Pessoas com Deficiência

Censo Demográfico 2010. Características Gerais da População, Religião e Pessoas com Deficiência Censo Demográfico 2010 Características Gerais da População, Religião e Pessoas com Deficiência Rio de Janeiro, 29 de junho de 2012 A presente publicação dá continuidade à divulgação dos resultados do Censo

Leia mais

Subsídios para elaboração do PPA Municipal

Subsídios para elaboração do PPA Municipal Município: São Luís / MA Apresentação Este Boletim de Informações Municipais tem o objetivo de apresentar um conjunto básico de indicadores acerca de características demográficas, econômicas, sociais e

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Santos, SP 30/07/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 281,35 km² IDHM 2010 0,840 Faixa do IDHM Muito Alto (IDHM entre 0,8 e 1) (Censo 2010) 419400 hab. Densidade

Leia mais

TERESINA - PERFIL DOS BAIRROS - REGIONAL SDU SUDESTE BAIRRO GURUPI

TERESINA - PERFIL DOS BAIRROS - REGIONAL SDU SUDESTE BAIRRO GURUPI TERESINA - PERFIL DOS BAIRROS - REGIONAL SDU SUDESTE BAIRRO GURUPI Teresina (PI), Agosto/2014 GURUPI 0 Agosto/2014 EXPEDIENTE PREFEITURA MUNICIPAL DE TERESINA PREFEITO MUNICIPAL DE TERESINA Firmino da

Leia mais

Censo Demográfico 2010. Trabalho e Rendimento Educação e Deslocamento

Censo Demográfico 2010. Trabalho e Rendimento Educação e Deslocamento Censo Demográfico 2010 Trabalho e Rendimento Educação e Deslocamento Rio de Janeiro, 19 de dezembro de 2012 As presentes publicações dão continuidade à divulgação dos resultados do Censo Demográfico 2010

Leia mais

Plano de Metas para uma Porto Alegre mais Sustentável.

Plano de Metas para uma Porto Alegre mais Sustentável. Plano de Metas para uma Porto Alegre mais Sustentável. EXPEDIENTE Realização: Prefeitura Municipal de Porto Alegre (PMPA) José Fortunati - Prefeito Secretaria Municipal de Governança Local (SMGL) Cezar

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Sorriso, MT 02/08/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 9382,37 km² IDHM 2010 0,744 Faixa do IDHM Alto (IDHM entre 0,700 e 0,799) (Censo 2010) 66521 hab. Densidade

Leia mais

Participação de mulheres no mercado formal de trabalho em Diadema cresce, mas homens ainda são maioria.

Participação de mulheres no mercado formal de trabalho em Diadema cresce, mas homens ainda são maioria. BOLETIM DO OBSERVATÓRIO ECONÔMICO Agosto 2013 Nº1 População Economicamente Ativa representa 52,9% da população total em Diadema. A população de Diadema, conforme o Censo IBGE 2010, era de 386.089 habitantes.

Leia mais

RECEITA SEGUNDO AS CATEGORIAS ECONÔMICAS

RECEITA SEGUNDO AS CATEGORIAS ECONÔMICAS 10000000 11000000 11100000 11120000 11120200 11120400 11120431 11120434 11120800 11130000 11130500 11130501 11130502 11130503 11130504 11130505 11130506 11200000 11210000 11212500 11212501 11212502 11212600

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Areado, MG 29/07/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 282,6 km² IDHM 2010 0,727 Faixa do IDHM Alto (IDHM entre 0,700 e 0,799) (Censo 2010) 13731 hab. Densidade demográfica

Leia mais

BOLETIM DE CONJUNTURA INDUSTRIAL

BOLETIM DE CONJUNTURA INDUSTRIAL GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DO PLANEJAMENTO E GESTÃO (SEPLAG) Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (IPECE) BOLETIM DE CONJUNTURA INDUSTRIAL 3º TRIMESTRE DE 2011 Fortaleza-CE

Leia mais

Indicadores da Saúde no Ceará 2008

Indicadores da Saúde no Ceará 2008 Indicadores da Saúde no Ceará 2008 Fortaleza - 2010 GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ Cid Ferreira Gomes Governador SECRETARIA DO PLANEJAMENTO E COORDENAÇÃO (SEPLAG) Desirée Mota Secretária INSTITUTO DE PESQUISA

Leia mais

ANEXO I. Tabelas com indicadores de saúde para países da América do Sul. Tabela 1. Indicadores socio-econômicos de países da América do Sul

ANEXO I. Tabelas com indicadores de saúde para países da América do Sul. Tabela 1. Indicadores socio-econômicos de países da América do Sul ANEXO I. Tabelas com indicadores de saúde para países da América do Sul. Tabela 1. Indicadores socio-econômicos de países da América do Sul Taxa de alfabetização 97,2 86,7 88,6 95,7 92,8 91,0 93,2 87,9

Leia mais

Secretaria Municipal da Saúde de Guarulhos. Vigilância e Investigação do Óbito Materno,Infantil e Fetal

Secretaria Municipal da Saúde de Guarulhos. Vigilância e Investigação do Óbito Materno,Infantil e Fetal O U T U B R O 2011 Secretaria Municipal da Saúde de Guarulhos Vigilância e Investigação do Óbito Materno,Infantil e Fetal Dra.Telma de Moura Reis Médica Pediatra Coordenadora da Área Estratégica da Saúde

Leia mais

INDICADORES BÁSICOS PARA A SAÚDE NO BRASIL:

INDICADORES BÁSICOS PARA A SAÚDE NO BRASIL: INDICADORES BÁSICOS PARA A SAÚDE NO BRASIL: CONCEITOS E APLICAÇÕES Brasilia, 2008 2008 Organização Pan-Americana da Saúde Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução total ou parcial desta obra,

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Botelhos, MG 29/07/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 335,24 km² IDHM 2010 0,702 Faixa do IDHM Alto (IDHM entre 0,700 e 0,799) (Censo 2010) 14920 hab. Densidade

Leia mais

ANÁLISE CONJUNTURAL DA MULHER NO MERCADO DE TRABALHO CATARINENSE: 2012-2013

ANÁLISE CONJUNTURAL DA MULHER NO MERCADO DE TRABALHO CATARINENSE: 2012-2013 GOVERNO DO ESTADO DE SANTA CATARINA SECRETARIA DE ESTADO DA ASSISTÊNCIA SOCIAL, TRABALHO E HABITAÇÃO SST DIRETORIA DE TRABALHO E EMPREGO DITE COORDENAÇÃO ESTADUAL DO SISTEMA NACIONAL DE EMPREGO SINE SETOR

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Alto Boa Vista, MT 01/08/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 2248,35 km² IDHM 2010 0,651 Faixa do IDHM Médio (IDHM entre 0,6 e 0,699) (Censo 2010) 5247 hab. Densidade

Leia mais

TERESINA - PERFIL DOS BAIRROS - REGIONAL SDU LESTE BAIRRO VALE QUEM TEM

TERESINA - PERFIL DOS BAIRROS - REGIONAL SDU LESTE BAIRRO VALE QUEM TEM TERESINA - PERFIL DOS BAIRROS - REGIONAL SDU LESTE BAIRRO VALE QUEM TEM Teresina (PI), Fevereiro/2014 VALE QUEM TEM 1 Fevereiro/2014 EXPEDIENTE PREFEITURA MUNICIPAL DE TERESINA PREFEITO MUNICIPAL DE TERESINA

Leia mais

UPP FALLET-FOGUETEIRO E COROA

UPP FALLET-FOGUETEIRO E COROA UPP FALLET-FOGUETEIRO E COROA 09/2014 0 Sumário 1. LOCALIZAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO GERAL... 2 2. DADOS CENSITÁRIOS 2010: DEMOGRAFIA E ÁREA OCUPADA... 4 3. DADOS CENSITÁRIOS 2010: SOCIOECONÔMICOS... 7 3.1.

Leia mais

Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios PNAD 2011

Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios PNAD 2011 Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios PNAD 2011 Rio de Janeiro, 21/09/2012 1 Abrangência nacional Temas investigados: Características Características gerais dos moradores Educação Migração Trabalho

Leia mais

EDUCAÇÃO MUNICIPAL O QUE É O IDEB?

EDUCAÇÃO MUNICIPAL O QUE É O IDEB? EDUCAÇÃO MUNICIPAL O QUE É O IDEB? Em 2007, foi criado o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb ). O indicador, que mede a qualidade da educação, foi pensado para facilitar o entendimento de

Leia mais

Cobertura de saneamento básico no Brasil segundo Censo Demográfico, PNAD e PNSB

Cobertura de saneamento básico no Brasil segundo Censo Demográfico, PNAD e PNSB Cobertura de saneamento básico no Brasil segundo Censo Demográfico, PNAD e PNSB Painel Cobertura e Qualidade dos Serviços de Saneamento Básico Zélia Bianchini Diretoria de Pesquisas 1 São Paulo, 08/10/2013

Leia mais

INDICADORES DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E SOCIAL: SIGNIFICADO E IMPORTÂNCIA PARA A GESTÃO PÚBLICA

INDICADORES DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E SOCIAL: SIGNIFICADO E IMPORTÂNCIA PARA A GESTÃO PÚBLICA INDICADORES DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E SOCIAL: SIGNIFICADO E IMPORTÂNCIA PARA A GESTÃO PÚBLICA Silvio A. F. Cario Prof. dos Cursos de Graduação e Pós-Graduação em Economia e Administração da Universidade

Leia mais

QUADRO DE INDICADORES

QUADRO DE INDICADORES QUADRO DE Núcleo de Seguridade e Assistência Social da PUC/SP Coordenadora: Profa.Aldaiza Sposati QUADRO COMPARATIVO DE SOCIAIS I UTOPIAS DO /INCLUSÃO SOCIAL AUTONO- MIA QUALIDA- DE DE VIDA Faixa Renda

Leia mais

CONSUMOS DE ÁGUA CONSUMOS DE ÁGUA ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ÁGUA - ETA ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ÁGUA - ETA

CONSUMOS DE ÁGUA CONSUMOS DE ÁGUA ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ÁGUA - ETA ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ÁGUA - ETA CONSUMOS DE ÁGUA Componentes da demanda de água de uma população Doméstico Comercial Industrial Público Especial Perdas Desperdícios Principais fatores influenciam a demanda VOLUME DE ÁGUA A SER TRATADA

Leia mais

Indicadores e Dados Básicos: situando Santa Catarina

Indicadores e Dados Básicos: situando Santa Catarina Secretaria da Saúde do Estado de Santa Catarina Diretoria de Planejamento e Coordenação Gerência de Estatística e Informática Setor de Mortalidadade Indicadores e Dados Básicos: situando Santa Catarina

Leia mais

BOLETIM. Produto Interno Bruto paulista continua no patamar de um trilhão de reais

BOLETIM. Produto Interno Bruto paulista continua no patamar de um trilhão de reais patamar de um trilhão Em ano atípico, o PIB do Estado de São apresentou redução real em 2009, mas ampliou sua participação no PIB brasileiro. Em 2009, o PIB, calculado pela Fundação Seade em parceria com

Leia mais

11.1. INFORMAÇÕES GERAIS

11.1. INFORMAÇÕES GERAIS ASPECTOS 11 SOCIOECONÔMICOS 11.1. INFORMAÇÕES GERAIS O suprimento de energia elétrica tem-se tornado fator indispensável ao bem-estar social e ao crescimento econômico do Brasil. Contudo, é ainda muito

Leia mais

PLANO MUNICIPAL DE SANEAMENTO BÁSICO DE PACUJÁ CE

PLANO MUNICIPAL DE SANEAMENTO BÁSICO DE PACUJÁ CE PLANO MUNICIPAL DE SANEAMENTO BÁSICO DE PACUJÁ CE 1 ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO... 8 1.1 Conteúdo... 8 1.2 Metodologia... 9 1.2.1 Convênio... 9 1.2.2 Etapas de elaboração do plano... 10 2 ASPECTOS LEGAIS... 13

Leia mais

Panorama dos Territórios UPP FORMIGA

Panorama dos Territórios UPP FORMIGA Panorama dos Territórios UPP FORMIGA 0 Sumário 1. LOCALIZAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO GERAL... 2 2. DADOS CENSITÁRIOS 2010: DEMOGRAFIA E ÁREA OCUPADA... 3 3. DADOS CENSITÁRIOS 2010: SOCIOECONÔMICOS... 5 3.1.

Leia mais

Taxa de analfabetismo

Taxa de analfabetismo B Taxa de analfabetismo B.1................................ 92 Níveis de escolaridade B.2................................ 94 Produto Interno Bruto (PIB) per capita B.3....................... 96 Razão de

Leia mais

Uma análise das condições de vida da população brasileira

Uma análise das condições de vida da população brasileira Diretoria de Pesquisas Coordenação de População e Indicadores Sociais Gerência de Indicadores Sociais SÍNTESE DE INDICADORES SOCIAIS 2013 Uma análise das condições de vida da população brasileira 29 de

Leia mais

Anexo 17.5 Diagrama e Dicionário de Dados da Base Conjunto Universo

Anexo 17.5 Diagrama e Dicionário de Dados da Base Conjunto Universo Anexo 17.5 Diagrama e Dicionário de Dados da Base Conjunto Universo Tabela: Dados de domicílio (continua) Código da unidade da federação (UF) Código do município Código do distrito Código do subdistrito

Leia mais

IPECE COMEMORAÇÕES DO IX ANIVERSÁRIO Fortaleza, abril de 2012

IPECE COMEMORAÇÕES DO IX ANIVERSÁRIO Fortaleza, abril de 2012 Impactos Econômicos dos Principais Investimentos Públicos Primeira Gestão do Governo Cid Gomes Principais Resultados IPECE COMEMORAÇÕES DO IX ANIVERSÁRIO Fortaleza, abril de 2012 Considerações Iniciais

Leia mais

MINAS GERAIS, SEU MELHOR INVESTIMENTO. Seminário LIDE Abril de 2012

MINAS GERAIS, SEU MELHOR INVESTIMENTO. Seminário LIDE Abril de 2012 MINAS GERAIS, SEU MELHOR INVESTIMENTO Seminário LIDE Abril de 2012 A NOSSA MINAS GERAIS MINAS EM NÚMEROS América do Sul 588.000 KM² DE TERRITÓRIO. Brasil MAIOR DO QUE PAÍSES COMO A FRANÇA, SUÉCIA E ESPANHA.

Leia mais

Boletim PNAD Resultados da PNAD 2011 Educação Junho de 2013

Boletim PNAD Resultados da PNAD 2011 Educação Junho de 2013 Boletim PNAD Resultados da PNAD 2011 Educação Junho de 2013 RESULTADOS DA PNAD 2011 EDUCAÇÃO Apresentação 2 Governo do Estado da Bahia Jaques Wagner Secretaria do Planejamento (Seplan) José Sergio Gabrielli

Leia mais