2º Encontro de Contabilidade e Auditoria para Companhias Abertas e Sociedades de Grande Porte

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "2º Encontro de Contabilidade e Auditoria para Companhias Abertas e Sociedades de Grande Porte"

Transcrição

1 º Encontro de Contabilidade e Auditoria para Companhias Abertas e Sociedades de Grande Porte Evoluções do SPED do ponto de vista de Custo de Conformidade Fiscal

2 Agenda Pontos chave da Pesquisa Paying Taxes 0 Simplificações em quantidade de obrigações com SPED Nosso Brasil nas Pesquisas Paying Taxes Pesquisa com o time Global Compliance Solutions Slide

3 Exterior Pontos chave da Pesquisa Paying Taxes 0 Slide

4 Exterior Pontos chave da Pesquisa Paying Taxes 0 : Paying Taxes 0 é um estudo produzido por, Banco Mundial e IFC, que mede a facilidade de pagamento de impostos em 8 economias em todo o mundo. Tal estudo registra os impostos e as contribuições obrigatórias que uma empresa de médio porte deve pagar em um determinado ano, bem como mede a carga administrativa de pagamento de impostos e contribuições. Os governos continuam a reformar os seus sistemas fiscais para ajudar as empresas a crescer. Nos últimos sete anos mais de 0% das economias facilitaram o pagamento de impostos por meio de reformas Aliviar a carga de conformidade pode beneficiar tanto o governo como as empresas. A característica mais comum das reformas tributárias este ano foi a introdução de sistemas eletrônicos - economias têm agora sistemas de pagamento e de preenchimento on-line (dentre estes, India, Armenia, Belarus, Belize, Colombia, Costa Rica, Georgia, República da Coréia, Marrocos, Nicaragua, Peru, Cingapura, Irlanda, Canadá, Reino Unido, Noruega, Finlandia, Japão, Taiwan, Austrália, Tailandia e China) Slide

5 Exterior Pontos chave da Pesquisa Paying Taxes 0 : A alíquota total caiu 8,5% desde 00, mais de % por ano; o tempo para estar compliance diminuiu em mais de um dia por ano (5 horas); e o número de pagamentos de impostos exigidos caiu em 5 Em média, uma empresa de médio porte nacional realiza 8,5 pagamentos de impostos por ano, gasta quase 7 semanas para estar compliance com os seus impostos, e tem um custo fiscal de,8% do seu lucro comercial Em economias de alta renda, as empresas fazem 5, pagamentos, levam 8,7 horas para estar compliance com seus principais impostos e tem uma alíquota total média de 7,%. Isso se compara a 8, pagamentos, 7 horas e 7,8% nas economias de menor renda Os Tributos Indiretos (VAT ou IVA) são os que mais consomem tempo e recursos em todo o mundo. Levam % mais tempo para estar compliance do que os Tributos Diretos Slide 5

6 Exterior Pontos chave da Pesquisa Paying Taxes 0 : O tempo para cumprir com as obrigações fiscais varia entre as regiões. O menor tempo para estar compliance é com a OCDE (95 horas) e maior tempo necessário é na América Latina e no Caribe (8 horas) O número de pagamentos também varia muito conforme a região. As empresas que têm o maior número de pagamentos ocorre na Europa Central e na Europa Oriental, 7,9 por ano em média e a com o menor número ocorre nas economias da OCDE,,, em média Slide

7 Brasil Simplificações em quantidade de obrigações com SPED Nosso Brasil nas Pesquisas Paying Taxes Slide 7

8 Brasil Simplificações em quantidade de obrigações com SPED: Contábil IN 8 (arquivos contábeis) MANAD (arquivos contábeis) ECD Slide 8

9 Brasil Simplificações em quantidade de obrigações com SPED: Previdenciário e Trabalhista IN 8 MANAD EFD-Social Slide 9

10 Brasil Simplificações em quantidade de obrigações com SPED: Pis e Cofins DACON EFD-Contribuições Slide 0

11 Brasil Simplificações em quantidade de obrigações com SPED: IRPJ e CSLL DIPJ LALUR (papel) FCONT E-Lalur Slide

12 Brasil Simplificações em quantidade de obrigações com SPED: ICMS e IPI IN 8 (arquivos fiscais) MANAD (arquivos fiscais) Sintegra GIA CIAP Livros Entradas, Saídas, Apuração e Inventário Livro Registro de Produção e Movimentação de Estoques EFD-ICMS/IPI Slide

13 Brasil Nosso Brasil nas Pesquisas Paying Taxes : Slide

14 Brasil Nosso Brasil nas Pesquisas Paying Taxes : Slide

15 Brasil Nosso Brasil nas Pesquisas Paying Taxes : Slide 5

16 Brasil Nosso Brasil nas Pesquisas Paying Taxes : Slide

17 Pesquisa com o time Global Compliance Solutions Slide 7

18 Países que contribuíram para os dados a seguir França Suécia Argentina Austrália África do Sul Cingapura Coréia do Sul Chile Itália Rússia Turquia Estados Unidos Colômbia México Japão Espanha Alemanha Slide 8

19 Exterior e Brasil Qual a sua percepção quanto ao volume de informações atualmente Qual a tendência para os próximos 5 anos? exigido pelas autoridades fiscais? T Muito alto(a) Alto(a) Médio(a) Baixo(a) Muito baixo(a) Não aplicável Slide 9

20 Exterior e Brasil Qual a sua percepção quanto a proporção de informações e relatórios requeridos em formato eletrônico pelas autoridades fiscais? Qual a tendência para os próximos 5 anos? T Muito alto(a) Alto(a) Médio(a) Baixo(a) Muito baixo(a) Não aplicável Slide 0

21 Exterior e Brasil Qual o nível de complexidade e detalhamento das informações fiscais e demais transações requeridos no preenchimento dos arquivos e obrigações fiscais? Qual a tendência para os próximos 5 anos? T Muito alto(a) Alto(a) Médio(a) Baixo(a) Muito baixo(a) Não aplicável Slide

22 Exterior e Brasil Qual o nível de reconciliação / tratamento adicional requerido sobre a informação existente nos sistemas contábeis / ERP da empresa para a preparação dos arquivos fiscais eletrônicos submetidos em bases periódicas às autoridades fiscais? Qual a tendência para os próximos 5 anos? T Muito alto(a) Alto(a) Médio(a) Baixo(a) Muito baixo(a) Não aplicável Slide

23 Exterior e Brasil Na sua visão, qual o nível de simplificação que poderia ser aplicado Qual a tendência para os próximos 5 anos? aos preenchimentos dos arquivos e obrigações fiscais? 5 5T Muito alto(a) Alto(a) Médio(a) Baixo(a) Muito baixo(a) Não aplicável Slide

24 Exterior e Brasil Na sua visão, qual o nível de padronização que poderia ser Qual a tendência para os próximos 5 anos? aplicado aos preenchimentos dos arquivos e obrigações fiscais? T Muito alto(a) Alto(a) Médio(a) Baixo(a) Muito baixo(a) Não aplicável Slide

25 Exterior e Brasil Como você avaliaria o nível de automação e/ou suporte em ferramentas eletrônicas, aplicações e sistemas de que as autoridades fiscais podem se valer nas fiscalizações? Qual a tendência para os próximos 5 anos? 7 7T Muito alto(a) Alto(a) Médio(a) Baixo(a) Muito baixo(a) Não aplicável Slide 5

26 Exterior e Brasil Em geral, qual o nível de acesso das companhias às autoridades Qual a tendência para os próximos 5 anos? fiscais para discutir e/ou esclarecer assuntos fiscais? 8 8T Muito alto(a) Alto(a) Médio(a) Baixo(a) Muito baixo(a) Não aplicável Slide

27 Exterior e Brasil Como você percebe o nível de custo para gerenciamento das atividades de compliance fiscal e demais obrigações fiscais rotineiras na sua empresa? Qual a tendência para os próximos 5 anos? 9 9T Muito alto(a) Alto(a) Médio(a) Baixo(a) Muito baixo(a) Não aplicável Slide 7

28 Exterior e Brasil Como você percebe o nível de custo para gerenciamento da infraestrutura e arquivamento das informações e arquivos fiscais rotineiros? Qual a tendência para os próximos 5 anos? 0 0T Muito alto(a) Alto(a) Médio(a) Baixo(a) Muito baixo(a) Não aplicável Slide 8

29 Exterior e Brasil Qual o nível de investimento que as companhias estão espontaneamente fazendo em seu país para melhorar a qualidade dos dados fiscais ou para racionalizar os custos de compliance fiscal? Qual a tendência para os próximos 5 anos? T Muito alto(a) Alto(a) Médio(a) Baixo(a) Muito baixo(a) Não aplicável Slide 9

30 Obrigado! 0 PricewaterhouseCoopers Outsourcing Ltda. Todos os direitos reservados. Neste documento, refere-se à PricewaterhouseCoopers Outsourcing Ltda., a qual é uma firma membro do network da PricewaterhouseCoopers International Limited, sendo que cada firma membro constitui-se em uma pessoa jurídica totalmente separada e independente. O termo refere-se à rede (network) de firmas membro da PricewaterhouseCoopers International Limited (IL) ou, conforme o contexto determina, a cada uma das firmas membro participantes da rede da. Cada firma membro da rede constitui uma pessoa jurídica separada e independente e que não atua como agente da IL nem de qualquer outra firma membro. A IL não presta serviços a clientes. A IL não é responsável ou se obriga pelos atos ou omissões de qualquer de suas firmas membro, tampouco controla o julgamento profissional das referidas firmas ou pode obrigá-las de qualquer forma. Nenhuma firma membro é responsável pelos atos ou omissões de outra firma membro, nem controla o julgamento profissional de outra firma membro ou da IL, nem pode obrigá-las de qualquer forma.

www.pwc.com SISCOSERV Apresentação em 28 e 29.08.2013 (DC0) Informação Pública

www.pwc.com SISCOSERV Apresentação em 28 e 29.08.2013 (DC0) Informação Pública www.pwc.com SISCOSERV Apresentação em 28 e 29.08.2013 Sistema Integrado de Comércio Exterior de Serviços, Intangíveis e de outras Operações que Produzam Variações no Patrimônio Principais desafios Principais

Leia mais

AUDITORIA FISCO-CONTÁBIL DAS DEMONSTRAÇÕES ELETRÔNICAS COMPLIANCE FISCAL ELETRÔNICO

AUDITORIA FISCO-CONTÁBIL DAS DEMONSTRAÇÕES ELETRÔNICAS COMPLIANCE FISCAL ELETRÔNICO AUDITORIA FISCO-CONTÁBIL DAS DEMONSTRAÇÕES ELETRÔNICAS COMPLIANCE FISCAL ELETRÔNICO Nossos serviços de auditoria das Obrigações Eletrônicas utilizam ferramentas que permitem auditar os arquivos enviados

Leia mais

www.pwc.com Lei 12.973/2014 Junho, 2014 São Paulo Maio de 2014

www.pwc.com Lei 12.973/2014 Junho, 2014 São Paulo Maio de 2014 www.pwc.com Lei 12.973/2014 Junho, 2014 São Paulo Maio de 2014 Contexto Atual Contexto atual Fiscal X societário 1 2 3 4 Institui o balanço fiscal Tributa dividendos distribuídos em excesso em relação

Leia mais

www.audicgroup.com.br DR SPED

www.audicgroup.com.br DR SPED www.audicgroup.com.br DR SPED a EMPRESA A Audic Group no Brasil tem o compromisso com os seus clientes de buscar a satisfação por eles desejada, para tanto dedica-se na identificação dos problemas, na

Leia mais

Painel 4 - Lucros no Exterior Tributação em Bases Universais Desafios e Oportunidades (Foco na IN- 1520)

Painel 4 - Lucros no Exterior Tributação em Bases Universais Desafios e Oportunidades (Foco na IN- 1520) Painel 4 - Lucros no Exterior Tributação em Bases Universais Desafios e Oportunidades (Foco na IN- 1520) Fevereiro de 2015 Controladas - Registro em Subcontas (IN-1520) Vinculadas à conta de investimentos

Leia mais

OBRIGAÇÕES ACESSÓRIAS RISCOS E SOLUÇÕES Rui Miguel Coelho IT TAX Solutions. BDO Brazil Page 1

OBRIGAÇÕES ACESSÓRIAS RISCOS E SOLUÇÕES Rui Miguel Coelho IT TAX Solutions. BDO Brazil Page 1 OBRIGAÇÕES ACESSÓRIAS RISCOS E SOLUÇÕES Rui Miguel Coelho IT TAX Solutions Page 1 DIVISÓRIA REALIDADE TREBUCHET E COMPLEXIDADE MS pt.32 TRIBUTÁRIA (BRANCO) BRASILEIRA VISÃO GERAL Page 2 ESTUDO DO BANCO

Leia mais

Workshop Reforma tributária: reflexos sobre empresas e regiões

Workshop Reforma tributária: reflexos sobre empresas e regiões Departamento Jurídico - DEJUR Workshop Reforma tributária: reflexos sobre empresas e regiões Painel - Reforma Tributária à luz do desenvolvimento regional Helcio Honda O que a Sociedade espera de uma Reforma

Leia mais

Seminário CIESP Campinas

Seminário CIESP Campinas www.pwc.com.br Seminário CIESP Campinas Bloco K Sua empresa está preparada para a entrega? Novembro de 2015 Briefing Entender o que muda e como se preparar para cumprir mais esta nova obrigação acessória:

Leia mais

Principais Aspectos do Sistema Público de Escrituração Digital SPED

Principais Aspectos do Sistema Público de Escrituração Digital SPED Principais Aspectos do Sistema Público de Escrituração Digital SPED Como trabalhamos? no passado a pouco tempo Daqui para frente ECD Escrituração Contábil Digital IN RFB 787/07 O que é? : É a substituição

Leia mais

POLÍTICA TRIBUTÁRIA E DISTRIBUIÇÃO DE RENDA

POLÍTICA TRIBUTÁRIA E DISTRIBUIÇÃO DE RENDA ESTADO, TRIBUTAÇÃO E SEGURIDADE SOCIAL POLÍTICA TRIBUTÁRIA E DISTRIBUIÇÃO DE RENDA Marcelo Lettieri (marlettieri@gmail.com) OVERVIEW Tributação e Distribuição de Renda Modelo Tributário - Tendência histórica

Leia mais

ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL FISCAL (ECF)

ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL FISCAL (ECF) ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL FISCAL (ECF) Grant Thornton - Brasil Junho de 2015 Agenda Considerações Iniciais; Obrigatoriedade de Transmissão; Penalidades (Multas); Informações a serem Transmitidas; Recuperação

Leia mais

Projeto SPED de A a Z

Projeto SPED de A a Z Consultoria e Treinamentos Apresentam: Projeto SPED de A a Z SPED Decreto nº 6.022 22/01/07 Instituir o Sistema Público de Escrituração Digital (SPED) Promover a integração dos fiscos; Racionalizar e uniformizar

Leia mais

Total Retail 2015 O varejo e a era da disrupção

Total Retail 2015 O varejo e a era da disrupção www.pwc.com.br/varejo-e-consumo O varejo e a era da disrupção Junho/2015 Sérgio D Ávila Reino Unido Dinamarca Rússia Canadá França Alemanha Turquia EUA Itália Suíça China/Hong Kong Bélgica Oriente Médio

Leia mais

O varejo e a era da disrupção

O varejo e a era da disrupção 10Minutos Varejo Total Retail 2015 - Pesquisa anual da PwC com os consumidores O varejo e a era da disrupção Destaques Os consumidores estão definindo sua própria abordagem de relacionamento com o varejo,

Leia mais

SPED Inteligência Fiscal Digital do ICMS/IPI, Contribuições (PIS/COFINS) e Impactos no seu negócio 11/07/2012

SPED Inteligência Fiscal Digital do ICMS/IPI, Contribuições (PIS/COFINS) e Impactos no seu negócio 11/07/2012 SPED Inteligência Fiscal Digital do ICMS/IPI, Contribuições (PIS/COFINS) e Impactos no seu negócio 11/07/2012 Atualizado em 23/07/2012 O Conteúdo desta apresentação está disponível no site da DOC, na página

Leia mais

Doingbusiness no Brasil. Jorge Lima Coordenador de Projetos Movimento Brasil Competitivo Curitiba 09 de novembro de 2006

Doingbusiness no Brasil. Jorge Lima Coordenador de Projetos Movimento Brasil Competitivo Curitiba 09 de novembro de 2006 1 Doingbusiness no Brasil Jorge Lima Coordenador de Projetos Movimento Brasil Competitivo Curitiba 09 de novembro de 2006 indicadores Doingbusiness 2006 2007 2008 Abertura de empresas Registro de propriedades

Leia mais

Eficiência Tributária

Eficiência Tributária Eficiência Tributária Cenário Tributário Brasileiro Características negativas: Tributação excessiva Multiplicidade de tributos e de Obrigações Acessórias Tributação em cascata (tributo incide sobre outros

Leia mais

Sistema Público de Escrituração Digital

Sistema Público de Escrituração Digital O SPED O Sistema Público de Escrituração Digital tem por objetivo promover a integração entre os órgãos reguladores e de fiscalização da União, FISCOS Estaduais e futuramente Municipais. Isso mediante

Leia mais

Guia das Demonstrações Financeiras Pontos para Fechamento de 2013 Aspectos contábeis

Guia das Demonstrações Financeiras Pontos para Fechamento de 2013 Aspectos contábeis www.pwc.com.br Guia das Demonstrações Financeiras Pontos para Fechamento de 2013 Aspectos contábeis Novembro de 2013 Agenda 2013 Normas novas e revisadas IAS 1 Apresentação das demonstrações financeiras

Leia mais

Sustentabilidade Operacional...novos mercados para o setor financeiro

Sustentabilidade Operacional...novos mercados para o setor financeiro www.pwc.com.br Sustentabilidade Operacional...novos mercados para o setor financeiro Junho 2015 Agenda 01 02 Sustentabilidade...olhando para futuro Para ser sustentável é preciso compreender e se adaptar

Leia mais

Ranking Mundial de Juros Reais SET/14

Ranking Mundial de Juros Reais SET/14 Ranking Mundial de Juros Reais SET/14 O Ranking Mundial de Juros Reais é um comparativo entre as taxas praticadas em 40 países do mundo e os classifica conforme as taxas de juros nominais determinadas

Leia mais

LEI 12.973/2014 E SPED: ADAPTAÇÃO ÀS NOVAS OBRIGAÇÕES TRIBUTÁRIAS

LEI 12.973/2014 E SPED: ADAPTAÇÃO ÀS NOVAS OBRIGAÇÕES TRIBUTÁRIAS LEI 12.973/2014 E SPED: ADAPTAÇÃO ÀS NOVAS OBRIGAÇÕES TRIBUTÁRIAS Visão geral dos impactos das novas evidenciações e diferenças de práticas contábeis advindas da IN 1.515. Subcontas. ECF e suas implicações.

Leia mais

MTA 06 - ACADEMIA MASTERSAF TAX ANALYSER

MTA 06 - ACADEMIA MASTERSAF TAX ANALYSER MTA 06 - ACADEMIA MASTERSAF TAX ANALYSER PÚBLICO-ALVO Membros de equipe de projeto Consultores Profissionais da áea fiscal interessados em conhecer e fazer parte das soluções Mastersaf. PRÉ-REQUISITOS

Leia mais

TAX TAX COMPLIANCE. Controles do Fisco x Contribuinte. 10 de junho de 2013

TAX TAX COMPLIANCE. Controles do Fisco x Contribuinte. 10 de junho de 2013 TAX TAX COMPLIANCE Controles do Fisco x Contribuinte 10 de junho de 2013 Sistemas de Fiscalização/Arrecadação da RFB Sistemas da RFB: HARPIA - Sistema de inteligência artificial desenvolvido pela Secretaria

Leia mais

Módulo Contábil e Fiscal

Módulo Contábil e Fiscal Módulo Contábil e Fiscal SPED Contábil e Fiscal Objetivo O objetivo deste artigo é dar uma visão geral sobre o Módulo Contábil e Fiscal SPED. Todas informações aqui disponibilizadas foram retiradas no

Leia mais

sobre as transações no setor de saúde

sobre as transações no setor de saúde 10 Minutos sobre as transações no setor de saúde Valor global de fusões e aquisições cresce e reverte tendência Destaques O valor total das transações no setor de saúde aumentou 4% em relação à segunda

Leia mais

Es t i m a t i v a s

Es t i m a t i v a s Brasileiros no Mundo Es t i m a t i v a s Ministério das Relações Exteriores - MRE Subsecretaria Geral das Comunidades Brasileiras no Exterior - SGEB Departamento Consular e de Brasileiros no Exterior

Leia mais

Despesas em Propaganda no Brasil e sua Interligação com a Economia Internacional. Fábio Pesavento ESPM/SUL André M. Marques UFPB

Despesas em Propaganda no Brasil e sua Interligação com a Economia Internacional. Fábio Pesavento ESPM/SUL André M. Marques UFPB Despesas em Propaganda no Brasil e sua Interligação com a Economia Internacional Fábio Pesavento ESPM/SUL André M. Marques UFPB O NÚCLEO DE ECONOMIA EMPRESARIAL ESPM-SUL PESQUISA E APOIO 1. Despesas em

Leia mais

Professor José Sérgio Fernandes de Mattos

Professor José Sérgio Fernandes de Mattos Professor Apresentação: 1. Instituído pelo Decreto nº 6.022, de 22 de janeiro de 2007, o Sistema Público de Escrituração Digital (Sped) faz parte do Programa de Aceleração do Crescimento do Governo Federal

Leia mais

empresas constantes de seus anexos, de acordo com o Estado da Federação em que estava localizado o contribuinte.

empresas constantes de seus anexos, de acordo com o Estado da Federação em que estava localizado o contribuinte. SPED O Sistema Público de Escrituração Digital, mais conhecido como Sped, trata de um projeto/obrigação acessória instituído no ano de 2007, através do Decreto nº 6.022, de 22 de janeiro de 2007. É um

Leia mais

Cisco Systems Incorporation

Cisco Systems Incorporation Cisco Systems Incorporation 1. Principais Características Matriz: Cisco Systems Inc. Localização: São José, Califórnia, Estados Unidos Ano de fundação: 1984 Internet: www.cisco.com Faturamento (2000):

Leia mais

Processo Legislativo

Processo Legislativo www.pwc.com PL 276/2015 Aspectos Gerais do na Casa Iniciadora Senado ou Câmara apresentam o PL Emendas O PL pode ser emendado A iniciativa das leis ordinárias cabe, entre outros, a qualquer membro ou Comissão

Leia mais

Decretos Federais nº 8.426/2015 e 8.451/2015

Decretos Federais nº 8.426/2015 e 8.451/2015 www.pwc.com Decretos Federais nº 8.426/2015 e 8.451/2015 PIS e COFINS sobre receitas financeiras Maio, 2015 Avaliação de Investimento & Incorporação, fusão, cisão Breve histórico da tributação pelo PIS

Leia mais

ECF DIPJ INCLUÍDA NO SPED

ECF DIPJ INCLUÍDA NO SPED ECF DIPJ INCLUÍDA NO SPED O que é ECF Escrituração Contábil Fiscal? Demonstra o cálculo do IRPJ e da CSLL Sucessora da DIPJ Faz parte do projeto SPED Instituída pela Instrução Normativa RFB 1.422/2013

Leia mais

Seminário. SPED Contábil e Fiscal. Julho 2012. Elaborado por: Sérgio Roberto da Silva

Seminário. SPED Contábil e Fiscal. Julho 2012. Elaborado por: Sérgio Roberto da Silva Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo Tel. (11) 3824-5400, 3824-5433 (teleatendimento), fax (11) 3824-5487 Email: desenvolvimento@crcsp.org.br web: www.crcsp.org.br Rua Rosa e Silva,

Leia mais

SISTEMA PÚBLICO DE ESCRITURAÇÃO DIGITAL

SISTEMA PÚBLICO DE ESCRITURAÇÃO DIGITAL SISTEMA PÚBLICO DE ESCRITURAÇÃO DIGITAL O que você irá ver O que é o SPED; SPED Fiscal; Abrangência do projeto; O PAC e o SPED; Benefícios para as Empresas; Benefícios para a Fisco; SPED Contábil; Nota

Leia mais

PLC 116/10. Eduardo Levy

PLC 116/10. Eduardo Levy PLC 116/10 Senado Federal Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania Comissão de Assuntos Econômicos Comissão de Educação, Cultura

Leia mais

Orçamento Público, Investimento e Visão de Longo Prazo para a Economia Brasileira. Roberto Ellery Jr, ECO/UnB

Orçamento Público, Investimento e Visão de Longo Prazo para a Economia Brasileira. Roberto Ellery Jr, ECO/UnB Orçamento Público, Investimento e Visão de Longo Prazo para a Economia Brasileira Roberto Ellery Jr, ECO/UnB Investimento no Brasil Investimento no Brasil é Baixo: Dados do FMI mostram que em 2010 a taxa

Leia mais

Gestores mundiais mais confiantes na recuperação económica

Gestores mundiais mais confiantes na recuperação económica 27 de Janeiro, 2010 13ª edição Anual do CEO Survey da PricewaterhouseCoopers em Davos Gestores mundiais mais confiantes na recuperação económica Cerca de 40% dos CEOs prevê aumentar o número de colaboradores

Leia mais

PALESTRA. A ECF e a Eficiência no Controle Fiscal

PALESTRA. A ECF e a Eficiência no Controle Fiscal PALESTRA A ECF e a Eficiência no Controle Fiscal Palestrante: Ivo Ribeiro Viana Advogado, contabilista, especialista em direito tributário pela PUC-SP, MBE em gestão e controladoria pela FECAP-SP. Consultor

Leia mais

Siderurgia no Brasil

Siderurgia no Brasil www.pwc.com.br Siderurgia no Brasil Um panorama do setor siderúrgico brasileiro SICETEL Sindicato Nacional da Indústria de Trefilação e Laminação de Metais Ferrosos IABR Instituto Aço Brasil 1 Setor de

Leia mais

Evolução Histórica MP 2.200-2 - 24/08/01. Emenda Constitucional nº 42-19/12/03. I ENAT Salvador - 17/07/04. II ENAT São Paulo - 27/08/05

Evolução Histórica MP 2.200-2 - 24/08/01. Emenda Constitucional nº 42-19/12/03. I ENAT Salvador - 17/07/04. II ENAT São Paulo - 27/08/05 SEPRORJ Rio de Janeiro, 17 de fevereiro de 2009 Evolução Histórica MP 2.200-2 - 24/08/01 Emenda Constitucional nº 42-19/12/03 I ENAT Salvador - 17/07/04 II ENAT São Paulo - 27/08/05 III ENAT Fortaleza

Leia mais

Com base nesse diagnóstico, a consultoria analisou uma série de determinantes para evidenciar as possibilidades de sucesso no torneio:

Com base nesse diagnóstico, a consultoria analisou uma série de determinantes para evidenciar as possibilidades de sucesso no torneio: Press release Data: 11 de Junho de 2014 Contato: Marta Telles Tel: (11) 3526-4508 marta.telles@imagemcorporativa.com.br Marcia Avruch Tel: (11) 3674-3762 marcia.avruch@br.pwc.com Brasil tem vantagem na

Leia mais

Anuário Estatístico de Turismo - 2015

Anuário Estatístico de Turismo - 2015 Secretaria Nacional de Políticas de Turismo Ministério do Turismo Anuário Estatístico de Turismo - 2015 Volume 42 Ano base 2014 Sumário I Turismo receptivo 1. Chegadas de turistas ao Brasil - 2013-2014

Leia mais

Programa Contag Consultoria e Escola de Negócios, representação da Nasajon Sistemas no Amapá

Programa Contag Consultoria e Escola de Negócios, representação da Nasajon Sistemas no Amapá Programa Contag Consultoria e Escola de Negócios, representação da Nasajon Sistemas no Amapá Instrutor: José Jeová Junior Contador, com formação nesta área pelo Instituto IOB de São Paulo Dinâmica das

Leia mais

Identificação e recuperação de créditos

Identificação e recuperação de créditos www.pwc.com Identificação e recuperação de créditos Outubro/ 2014 Conteúdo Descrição Pág. Posicionamentos nos Tribunais Superiores quanto à não incidência de contribuição previdenciária sobre determinados

Leia mais

Mapeamento ECF. w w w. b r l c o n s u l t o r e s. c o m. b r

Mapeamento ECF. w w w. b r l c o n s u l t o r e s. c o m. b r Mapeamento ECF Projeto SPED ECF Introdução A Escrituração Contábil Fiscal (ECF) substitui a Declaração de Informações Econômico- Fiscais da Pessoa Jurídica (DIPJ), a partir do ano-calendário 2014. São

Leia mais

ECF Escrituração Contábil Fiscal. Maio de 2015

ECF Escrituração Contábil Fiscal. Maio de 2015 Maio de 2015 Histórico Desde o ano de 2007, com a criação Sistema público de Escrituração Digital (SPED), por meio do Decreto nº 6.022, o fisco vem gradativamente migrando sua base de análises para os

Leia mais

O Peso da Burocracia Tributária na Indústria de Transformação 2012

O Peso da Burocracia Tributária na Indústria de Transformação 2012 Departamento de Competitividade e Tecnologia O Peso da Burocracia Tributária na Indústria de Transformação 2012 Equipe Técnica Setembro de 2013 1 Sumário 1 Introdução 2 Custos do Sistema Tributário 3 Custos

Leia mais

MOEDAS, JUROS, BOLSAS INTERNACIONAIS E COMMODITIES

MOEDAS, JUROS, BOLSAS INTERNACIONAIS E COMMODITIES MOEDAS, JUROS, BOLSAS INTERNACIONAIS E COMMODITIES 05/07/11 02/08/11 30/08/11 27/09/11 25/10/11 22/11/11 20/12/11 17/01/12 14/02/12 13/03/12 10/04/12 08/05/12 05/06/12 03/07/12 31/07/12 28/08/12 25/09/12

Leia mais

SAP HANA acelerando a escrita fiscal de sua empresa: Mitigando riscos e maximizando resultados

SAP HANA acelerando a escrita fiscal de sua empresa: Mitigando riscos e maximizando resultados SAP HANA acelerando a escrita fiscal de sua empresa: Mitigando riscos e maximizando resultados Agenda o Sonda IT o SAP Hana o Cenario fiscal no Brasil o Soluções aceleradas by Hana Transfer Price Comply

Leia mais

Clipping Legis. Publicação de legislação e jurisprudência fiscal. Nº 182 Conteúdo - Atos publicados em Maio de 2015 Divulgação em Junho/2015

Clipping Legis. Publicação de legislação e jurisprudência fiscal. Nº 182 Conteúdo - Atos publicados em Maio de 2015 Divulgação em Junho/2015 www.pwc.com.br Clipping Legis CSLL - Instituições financeiras - Majoração de alíquota - MP nº 675/2015 Receitas financeiras - Alíquota zero de PIS/ COFINS para as variações monetárias e hedge - Alteração

Leia mais

INTELIGÊNCIA FISCAL: Conflitos, Riscos e Oportunidades

INTELIGÊNCIA FISCAL: Conflitos, Riscos e Oportunidades INTELIGÊNCIA FISCAL: Conflitos, Riscos e Oportunidades Vamos direto ao ponto! Monitoramento do FI$CO Modelo convencional Obrigações Acessórias Obrigações acessórias A participação do cliente no processo

Leia mais

Tributação: entrave ou instrumento para o desenvolvimento. Roberto Abdenur Presidente-Executivo Instituto Brasileiro de Ética Concorrencial - ETCO

Tributação: entrave ou instrumento para o desenvolvimento. Roberto Abdenur Presidente-Executivo Instituto Brasileiro de Ética Concorrencial - ETCO ROBERTO ABDENUR DIPLOMATA DURANTE 44 ANOS, APOSENTADO; ATUA COMO CONSULTOR EM ASSUNTOS INTERNACIONAIS; FOI EMBAIXADOR DO BRASIL NO EQUADOR, NA CHINA, NA ALEMANHA NA ÁUSTRIA E PERANTE OS ORGANISMOS INTERNACIONAIS

Leia mais

PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO SPED

PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO SPED Apresentação O Sistema Público de Escrituração Digital (SPED) tem promovido grandes mudanças, as quais não se restringem à substituição do papel por informações digitais ou a questões puramente tecnológicas.

Leia mais

1. O que é ECF? 2. Obrigatoriedade; 3. Prazo de Entrega; 4. Informações e Estrutura; 5. Penalidades; 6. Considerações Finais.

1. O que é ECF? 2. Obrigatoriedade; 3. Prazo de Entrega; 4. Informações e Estrutura; 5. Penalidades; 6. Considerações Finais. ECF Escrituração Contábil Fiscal Aspectos gerais. Por: Luana Romaniuk. Em junho de 2015. SUMÁRIO 1. O que é ECF? 2. Obrigatoriedade; 3. Prazo de Entrega; 4. Informações e Estrutura; 5. Penalidades; 6.

Leia mais

ESTUDO SOBRE OS TRABALHADOS PARA PAGAR TRIBUTOS -

ESTUDO SOBRE OS TRABALHADOS PARA PAGAR TRIBUTOS - ESTUDO SOBRE OS PARA PAGAR TRIBUTOS - 2015 GILBERTO LUIZ DO AMARAL JOÃO ELOI OLENIKE LETÍCIA MARY FERNANDES DO AMARAL CRISTIANO LISBOA YAZBEK 05 de maio de 2015 NO ANO DE 2015 O BRASILEIRO TRABALHARÁ ATÉ

Leia mais

RESUMO GERAL Atualizada até 31/12/2012

RESUMO GERAL Atualizada até 31/12/2012 Gabinete do Ministro - GM Coordenação Geral de Imigração - CGIg Atualizado até 30/09/2011 RESUMO GERAL Atualizada até 31/12/2012 1 Gabinete do Ministro - GM Coordenação Geral de Imigração - CGIg Autorizações

Leia mais

ECF Considerações Iniciais

ECF Considerações Iniciais Outubro de 2014 ECF Considerações Iniciais A ECF é mais um dos projetos da RFB que integrará o SPED (Disciplinada pela Instrução Normativa RFB 1.422/2013). O layout da ECF pode ser encontrado no website

Leia mais

RESUMO GERAL Atualizada até 30/09/2012

RESUMO GERAL Atualizada até 30/09/2012 Gabinete do Ministro - GM Coordenação Geral de Imigração - CGIg Atualizado até 30/09/2011 RESUMO GERAL Atualizada até 30/09/2012 1 Gabinete do Ministro - GM Coordenação Geral de Imigração - CGIg Autorizações

Leia mais

Ranking Mundial de Juros Reais Mar/13

Ranking Mundial de Juros Reais Mar/13 Ranking Mundial de Juros Reais Mar/13 O Ranking Mundial de Juros Reais é um comparativo entre as taxas praticadas em 40 países do mundo e os classifica conforme as taxas de juros nominais determinadas

Leia mais

Ranking Mundial de Juros Reais Jan/14

Ranking Mundial de Juros Reais Jan/14 Ranking Mundial de Juros Reais Jan/14 O Ranking Mundial de Juros Reais é um comparativo entre as taxas praticadas em 40 países do mundo e os classifica conforme as taxas de juros nominais determinadas

Leia mais

ESCRITÓRIOS DE ADVOCACIA

ESCRITÓRIOS DE ADVOCACIA Segmento JURÍDICO ESCRITÓRIOS DE ADVOCACIA As soluções de software de gestão para o segmento jurídico da TOTVS são autoridades em resultados para o seu escritório de advocacia. Um conjunto de funcionalidades

Leia mais

Compliance e o Desenvolvimento empresarial Marina Araújo 2013

Compliance e o Desenvolvimento empresarial Marina Araújo 2013 Compliance e o Desenvolvimento empresarial Marina Araújo 2013 Qual o impacto do Compliance para o desenvolvimento? Qual o impacto do Compliance para o desenvolvimento? Econômico Como o Compliance das empresas

Leia mais

SPED Contábil e SPED ECF

SPED Contábil e SPED ECF SPED Contábil e SPED ECF Impactos nas Rotinas Empresárias Prof. Marcos Lima Marcos Lima Contador (graduado pela UECE) Especialista em Auditoria (UNIFOR) Diretor de Relacionamentos da Fortes Contabilidade

Leia mais

WORLD INVESTMENT REPORT 2013 Cadeias de Valor Global: Investimento e Comércio para o Desenvolvimento

WORLD INVESTMENT REPORT 2013 Cadeias de Valor Global: Investimento e Comércio para o Desenvolvimento WORLD INVESTMENT REPORT 2013 Cadeias de Valor Global: Investimento e Comércio para o Desenvolvimento Sobeet São Paulo, 26 de junho de 2013 EMBARGO 26 Junho 2013 12:00 horas Horário de Brasília 1 Recuperação

Leia mais

Preçário dos Cartões Telefónicos PT

Preçário dos Cartões Telefónicos PT Preçário dos Cartões Telefónicos PT Cartão Telefónico PT 5 e (Continente)... 2 Cartão Telefónico PT 5 e (Região Autónoma dos Açores)... 6 Cartão Telefónico PT 5 e (Região Autónoma da Madeira)... 10 Cartão

Leia mais

TAX. esocial. kpmg.com/br

TAX. esocial. kpmg.com/br TAX esocial kpmg.com/br 1 esocial O que é o esocial? O Sistema de Escrituração Fiscal Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas esocial é um projeto desenvolvido pelo Governo Federal,

Leia mais

Reforma Tributária Contribuições de um Contador, Objetivando Melhoria de Prestação de Contas

Reforma Tributária Contribuições de um Contador, Objetivando Melhoria de Prestação de Contas Reforma Tributária Contribuições de um Contador, Objetivando Melhoria de Prestação de Contas Autor: Charles B. Holland, Contador, Conselheiro do CRC-SP, Sócio Diretor da Holland Consulting, Coordenador

Leia mais

Desafios do Brasil contemporâneo Infraestrutura, produtividade, reformas e pacto federativo

Desafios do Brasil contemporâneo Infraestrutura, produtividade, reformas e pacto federativo Desafios do Brasil contemporâneo Infraestrutura, produtividade, reformas e pacto federativo A grande janela de oportunidades (O Brasil decola) A grande janela de oportunidades Linha do tempo das conquistas

Leia mais

MOEDAS, JUROS, BOLSAS INTERNACIONAIS E COMMODITIES

MOEDAS, JUROS, BOLSAS INTERNACIONAIS E COMMODITIES MOEDAS, JUROS, BOLSAS INTERNACIONAIS E COMMODITIES 05/11/10 05/12/10 05/01/11 05/02/11 05/03/11 05/04/11 05/05/11 05/06/11 05/07/11 05/08/11 05/09/11 05/10/11 05/11/11 05/12/11 05/01/12 05/02/12 05/03/12

Leia mais

Novas obrigações digitais: Penalidades e o fim da DACON Palestra

Novas obrigações digitais: Penalidades e o fim da DACON Palestra Novas obrigações digitais: Penalidades e o fim da DACON Palestra Quem sou eu... Pai, marido, corinthiano, louco por barcos, empreendedor, especialista em Arquivos Digitas e SPED Trabalho com arquivos digitais

Leia mais

Anuário Estatístico de Turismo - 2012

Anuário Estatístico de Turismo - 2012 Secretaria Nacional de Políticas de Turismo Ministério do Turismo Anuário Estatístico de Turismo - 2012 Volume 39 Ano base 2011 Sumário I Turismo receptivo 1. Chegadas de turistas ao Brasil - 2010-2011

Leia mais

Por que a CPMF é um problema para o Brasil?

Por que a CPMF é um problema para o Brasil? Por que a CPMF é um problema para o Brasil? 1 A Carga Tributária Brasileira Muito pesada para um país que precisa crescer 2 A carga tributária brasileira vem apresentando crescimento 40% 30% 26,9% 27,8%

Leia mais

Ferramenta Fiscal e Tributária para Médias Empresas

Ferramenta Fiscal e Tributária para Médias Empresas Ferramenta Fiscal e Tributária para Médias Empresas Redução de exposição fiscal, processos automatizados, ganho de produtividade e economia fiscal que a sua empresa merece. Thomson Reuters Visão Geral

Leia mais

Empresa familiar: Um negócio que se adapta ao século 21

Empresa familiar: Um negócio que se adapta ao século 21 10Minutos Private Company Services Pesquisa sobre empresas familiares 2012 Empresa familiar: Um negócio que se adapta ao século 21 Março 2013 Destaques Empresas familiares acreditam ser mais ágeis e fl

Leia mais

As informações foram coletadas por meio de uma pesquisa aplicada aos profissionais que estiveram presentes no 6º Fórum de Gestão Fiscal e Sped.

As informações foram coletadas por meio de uma pesquisa aplicada aos profissionais que estiveram presentes no 6º Fórum de Gestão Fiscal e Sped. Panorama da área fiscal e tributária A área fiscal no Brasil recebe constantemente mudanças e atualizações ligadas aos processos de fiscalização, tributação, contribuição, regulamentação entre outros.

Leia mais

PERFIL DE MERCADO PRODUCTO: SISTEMAS DE INSPECCION POR VIDEO N.C.M.: 9031.80.99

PERFIL DE MERCADO PRODUCTO: SISTEMAS DE INSPECCION POR VIDEO N.C.M.: 9031.80.99 PERFIL DE MERCADO PRODUCTO: SISTEMAS DE INSPECCION POR VIDEO N.C.M.: 9031.80.99 Perfil elaborado en octubre de 2008 TRATAMIENTO ARANCELARIO E IMPOSITIVO 1) IMPUESTOS Y TASAS: 1.1) ARANCELES DE IMPORTACIÓN

Leia mais

5 Encontro de Contabilidade e Auditoria Impactos contábeis da Lei 12973/14

5 Encontro de Contabilidade e Auditoria Impactos contábeis da Lei 12973/14 www.pwc.com.br 5 Encontro de Contabilidade e Auditoria Impactos contábeis da Lei 12973/14 Abrasca Ibracon Disciplinas de convergência contábil / fiscal Novas práticas contábeis 2007 ECD 2008 /2009 RTT

Leia mais

JORGE SUKARIE NETO Campos de Jordão. 19 de Setembro

JORGE SUKARIE NETO Campos de Jordão. 19 de Setembro JORGE SUKARIE NETO Campos de Jordão. 19 de Setembro HORÁRIO ATIVIDADE LOCAL 07h00 Café da Manhã Restaurante Principal 08h45 Abertura Brasoftware Salão Tangará 10h00 Business Suite Salão Nobre 13h00 Almoço

Leia mais

Reunião do Grupo de Estudo de Localização - ASUG 11 Março 2010

Reunião do Grupo de Estudo de Localização - ASUG 11 Março 2010 Reunião do Grupo de Estudo de Localização - ASUG 11 Março 2010 Agenda 1. Novidades SPED e NF-e Paulo Roberto Silva 2. Status de Desenvolvimento SPED e NF-e SAP 3. e-invoice Argentina e México - SAP 4.

Leia mais

Marcia Avruch Tel: (11) 3674-3762 marcia.avruch@br.pwc.com

Marcia Avruch Tel: (11) 3674-3762 marcia.avruch@br.pwc.com Press release Data 30 de abril de 2014 Contato Guilherme Meireles Tel: (11) 3526-4567 guilherme.meireles@imagemcorporativa.com.br Marcia Avruch Tel: (11) 3674-3762 marcia.avruch@br.pwc.com Páginas 4 Anúncios

Leia mais

> Projeto SPED < Sistema USIMINAS. Emanuel da Silva Franco Jr Gerente do Projeto SPED/NF-e

> Projeto SPED < Sistema USIMINAS. Emanuel da Silva Franco Jr Gerente do Projeto SPED/NF-e > Projeto SPED < Sistema USIMINAS Emanuel da Silva Franco Jr Gerente do Projeto SPED/NF-e Agenda O grupo USIMINAS Considerações sobre o SPED O projeto na USIMINAS Situação Atual Agenda O grupo USIMINAS

Leia mais

www.pwc.com.br Gerenciamento de capital e ICAAP

www.pwc.com.br Gerenciamento de capital e ICAAP www.pwc.com.br Gerenciamento de capital e ICAAP Como desenvolver uma abordagem eficaz de gerenciamento de capital e um processo interno de avaliação da adequação de capital (ICAAP) A crise financeira de

Leia mais

SEMINÁRIO EXPORTAR, EXPORTAR, EXPORTAR. Viana do Castelo, 11de Fevereiro

SEMINÁRIO EXPORTAR, EXPORTAR, EXPORTAR. Viana do Castelo, 11de Fevereiro SEMINÁRIO EXPORTAR, EXPORTAR, EXPORTAR Viana do Castelo, 11de Fevereiro www.cosec.pt COSEC Companhia de Seguro de Créditos, S.A. 2014 Índice Sobre a COSEC Seguro de Créditos Soluções à medida em resumo

Leia mais

www.pwc.com.br Sped Contábil (ECD) e Escrituração Contábil e Fiscal (ECF) em 2016

www.pwc.com.br Sped Contábil (ECD) e Escrituração Contábil e Fiscal (ECF) em 2016 www.pwc.com.br Sped Contábil (ECD) e Escrituração Contábil e Fiscal (ECF) em 2016 Escrituração Contábil - ECD Alteração de prazos para entrega em 2016 Prazo para entrega em 2015 Prazo para entrega em 2016

Leia mais

Agora começa a ser implementado o esocial, que constituirá a maior e mais complexa parte do Sped.

Agora começa a ser implementado o esocial, que constituirá a maior e mais complexa parte do Sped. Introdução O que é esocial? Com a criação do Sistema Público de Escrituração Digital (Sped), o Governo propiciou maior controle e agilidade na fiscalização das informações contábeis e fiscais das empresas

Leia mais

Indústria química no Brasil

Indústria química no Brasil www.pwc.com.br Indústria química no Brasil Um panorama do setor Indústria química no Brasil A indústria química e petroquímica é um dos mais importantes setores da economia brasileira e está entre as

Leia mais

Imagem Corporativa Marta Telles marta.telles@imagemcorporativa.com.br Tel: (11) 3526-4508. Márcia Avruch marcia.avruch@br.pwc.com Tel.

Imagem Corporativa Marta Telles marta.telles@imagemcorporativa.com.br Tel: (11) 3526-4508. Márcia Avruch marcia.avruch@br.pwc.com Tel. Press Release Date 1º de outubro de 2013 Contato Imagem Corporativa Marta Telles marta.telles@imagemcorporativa.com.br Tel: (11) 3526-4508 Márcia Avruch marcia.avruch@br.pwc.com Tel. (11) 3674-3760 Pages

Leia mais

Receita do Network PwC cresce 6% e atinge US$ 34 bilhões no ano fiscal encerrado em junho

Receita do Network PwC cresce 6% e atinge US$ 34 bilhões no ano fiscal encerrado em junho Press release Data Contato EMBARGO 00h01min (horário Brasília) Terça-feira, 7 de outubro de 2014 Márcia Avruch Tel: +55 11 3674 3760 Email: marcia.avruch@br.pwc.com Pages 4 Receita do Network PwC cresce

Leia mais

Compliance e Legislação Tributária: Desafios para as empresas em 2015

Compliance e Legislação Tributária: Desafios para as empresas em 2015 Compliance e Legislação Tributária: Desafios para as empresas em 2015 Eduardo Nascimento (eduardo@morad.com.br) Antonio Carlos Morad (acmorad@morad.com.br) www.morad.com.br 2015 Outlook for Legal Issues

Leia mais

Educação para o Desenvolvimento

Educação para o Desenvolvimento Educação para o Desenvolvimento FIESC Jornada pela Inovação e Competitividade Florianópolis, 19 de julho de 2012 gustavo.ioschpe@g7investimentos.com.br gioschpe A Educação no Brasil 74% da população brasileira

Leia mais

Sistema Público de Escrituração Digital SPED NONO NONONO NO NONO NONO NONONO NONO

Sistema Público de Escrituração Digital SPED NONO NONONO NO NONO NONO NONONO NONO Sistema Público de Escrituração Digital SPED NONO NONONO NO NONO NONO NONONO NONO CIESP de Sorocaba 13 de agosto de 2015 O NONO Sistema NONONO Público NONONO NONONO de NONO Escrituração Digital O SPED

Leia mais

27/09/2011. Integração Econômica da América do Sul: Perspectiva Empresarial

27/09/2011. Integração Econômica da América do Sul: Perspectiva Empresarial 27/09/2011 Integração Econômica da América do Sul: Perspectiva Empresarial Estrutura da apresentação Perspectiva empresarial Doing Business 2011 Investimentos Estrangeiros e Comércio Exterior Complementaridade

Leia mais

1.a. Atividades principais concepção, produção, desenvolvimento e distribuição de bens duráveis e produtos profissionais. São três as suas divisões:

1.a. Atividades principais concepção, produção, desenvolvimento e distribuição de bens duráveis e produtos profissionais. São três as suas divisões: Electrolux AB 1. Principais Características Matriz: Electrolux AB Localização: Estocolmo, Suécia Ano de fundação: 1901 Internet: www.electrolux.com Faturamento (2000): US$ 11.537 mi Empregados (2000):

Leia mais

Crescimento Econômico. Professor Afonso Henriques Borges Ferreira

Crescimento Econômico. Professor Afonso Henriques Borges Ferreira Crescimento Econômico Professor Afonso Henriques Borges Ferreira PIB do Brasil 1947 / 2006 R$ de 1980 PIB do Brasil tendência linear Y t = Y 0 e rt ln Y t = ln Y 0 + rt 3 2 1 0-1 50 55 60 65 70 75 80 85

Leia mais

SPED PIS COFINS em SAP HANA

SPED PIS COFINS em SAP HANA SPED PIS COFINS em SAP HANA Caso de Sucesso Petrobras Petróleo Brasileiro S.A. Luis Eduardo Queiroz Castello, Gerente Geral de Execução Tributária João Paulo Baptista Madeira Pipa Gerente de Projetos de

Leia mais

Módulo Contábil e Fiscal

Módulo Contábil e Fiscal Módulo Contábil e Fiscal Escrita Fiscal Objetivo O objetivo deste artigo é dar uma visão geral sobre o Módulo Contábil e Fiscal Escrita Fiscal. Todas informações aqui disponibilizadas foram retiradas no

Leia mais

Doingbusiness no Brasil. Penelope Brook PSD/FSD Vice Presidência Grupo Banco Mundial Rio de Janeiro 26 de julho de 2006

Doingbusiness no Brasil. Penelope Brook PSD/FSD Vice Presidência Grupo Banco Mundial Rio de Janeiro 26 de julho de 2006 Doingbusiness no Brasil Penelope Brook PSD/FSD Vice Presidência Grupo Banco Mundial Rio de Janeiro 26 de julho de 2006 1 Indicadores Doingbusiness 2006 2007 2008 Abertura de empresas Registro de propriedades

Leia mais

O que é o Sistema Público de Escrituração Digital - SPED?

O que é o Sistema Público de Escrituração Digital - SPED? SPED PIS/COFINS Teoria e Prática O que é o Sistema Público de Escrituração Digital - SPED? E v e l i n e B a r r o s o Maracanaú - CE Março/2 0 1 2 1 2 Conceito O SPED é instrumento que unifica as atividades

Leia mais