Nesta publicação e no seu conjunto de potência, as palavras Perigo, Advertência, Cuidado e Aviso (acompanhadas

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Nesta publicação e no seu conjunto de potência, as palavras Perigo, Advertência, Cuidado e Aviso (acompanhadas"

Transcrição

1 Bem-vindo! Voê esolheu um dos melhores onjuntos de potêni mrítimos disponíveis. Ele inorpor vários reursos projetdos pr ssegurr filidde de operção e durilidde. Com mnutenção e os uiddos dequdos, voê proveitrá este produto por muito tempo. Este mnul é um suplemento do Mnul de operção, mnutenção e grnti inluído om o onjunto do motor e que fornee informções sore o sistem de propulsão Zeus. Pr ssegurr o melhor desempenho e uso sem preoupções, pedimos que lei tent e uiddosmente este mnul, que ontém instruções espeífis referentes o uso e mnutenção do seu produto. Sugerimos que este mnul sej mntido juntmente om o produto pr que poss ser imeditmente onsultdo em so de qulquer dúvid durnte nvegção. Origdo por dquirir um dos nossos produtos Merury Diesel. Espermos que voê tenh um grdável experiêni de nvegção. Merury Diesel Mensgem de grnti O produto que voê dquiriu possui um grnti limitd d Merury Diesel, os termos d grnti estão desritos n Seção Grnti deste mnul. A delrção de grnti ontém um desrição do que é oerto, do que não é oerto, d durção d oertur, de omo oter melhor oertur de grnti, de importntes isenções de responsilidde e limitções de dnos e outrs informções fins. Lei teniosmente ests informções importntes. Os produtos Merury Diesel são projetdos e fridos em onformidde om nosss própris norms de qulidde elevd e om s norms pliáveis do merdo, em omo regulmentos espeífios sore emissão de poluentes. N Merury Mrine, d motor é operdo e testdo ntes de ser emldo pr envio, omo grnti de que o produto está pronto pr ser utilizdo. Além disso, determindos produtos Merury Mrine são testdos em miente ontroldo e monitordo, por té dez hors de funionmento do motor, fim de verifir e mnter o registro d onformidde om s norms e regulmentções pliáveis. Todos os produtos novos d Merury Mrine omerilizdos reeem oertur de grnti limitd pliável, independentemente de o motor ter prtiipdo ou não de um dos progrms de teste desritos im. Lei este mnul uiddosmente IMPORTANTE: Cso não ompreend qulquer prte deste mnul, entre em ontto om seu revendedor pr soliitr um demonstrção dos proedimentos de prtid e operção. Aviso Nest pulição e no seu onjunto de potêni, s plvrs Perigo, Advertêni, Cuiddo e Aviso (ompnhds do símolo internionl de Perigo)! podem ser usdos pr lertr o instldor e usuário sore instruções espeiis qunto os perigos envolvendo exeução inorret ou indequd de serviços ou operções. Sig estes visos uiddosmente. Somente os lerts de segurnç não são sufiientes pr eliminr os perigos que eles indim. Os instldores devem seguir rigorosmente s instruções espeiis e devem usr de om senso durnte operção pr evitr identes.! PERIGO Indi um situção perigos que, se não for evitd, resultrá em ferimentos grves ou morte.! ADVERTÊNCIA Indi um situção perigos que, se não for evitd, pode resultr em ferimentos grves ou morte.! CUIDADO Indi um situção perigos que, se não for evitd, pode resultr em ferimentos leves ou moderdos. AVISO Indi um situção que, se não for evitd, pode resultr em defeitos no motor ou nos prinipis omponentes do sistem. IMPORTANTE: Identifi informções esseniis pr onlusão de trefs om suesso. NOTA: Indi informções que judm entender um psso ou ção espeífi. Informção de identifição Número de série d unidde de trção e número do modelo Os números de série são s referênis do frinte pr diversos detlhes de engenhri que se plim o seu produto Merury Diesel. Ao entrr em ontto om Merury Diesel pr oter ssistêni téni, sempre espeifique o modelo e os números de série Merury Mrine Modelos de Uniddes de Trção Pod Zeus Série 3000 *8M * 90-8M

2 O número de série, o número do modelo e outrs informções neessáris pr o registro d identifição lolizm-se onforme exiido. Identifição d unidde de trção - Pl de identifição d trnsmissão - Adesivo de identifição d unidde de trção - Grvur d lolizção do Pod Identifição do sistem de ontrole (se pliável) As versões SmrtCrft 3.0 do sistem de ontrole eletrônio Zeus (onsulte Seção 2 Informções geris) têm um etiquet de ddos om número de série eletrônio (ESN) lolizd n prte intern d port do Pinel d interfe do ro (VIP). O número é neessário pr o registro d identifição. MADE IN USA ELECTRONICS SERIAL NO: Número de série e número do modelo do motor Consulte o mnul de operção e mnutenção do motor disponível no frinte do motor pr oter informções sore lolizção d etiquet do motor, que ontém o número de série do motor e o número do modelo neessários pr o registro de identifição. Registro de identifição Lolizção d unidde de trção Estiordo Centro Bomordo Centro estiordo Centrl de omordo Estiordo Centro Bomordo Registre s seguintes informções: Números de série d unidde de trção Zeus Número de série do motor Número do modelo d unidde de trção Zeus Centro estiordo Centrl de omordo Número de série d trnsmissão Modelo e potêni do motor Informções sore hélie Número de referêni (P/N) d hélie Inlinção / Prte dinteir Prte trseir Numero de identifição do so (HIN) Dt d ompr Frinte do ro Modelo do ro Comprimento do ro / Número do Certifido de Emissões de Gás do Sistem de Espmento (Europ Somente) Número de série do ontrole eletrônio /

3 Informções sore mrs registrds e direitos utoris A desrição e s espeifições qui ontids já estvm em vigor qundo este mnul foi provdo pr impressão. A Merury Mrine, uj políti vis melhori ontínu de seus produtos, reserv-se o direito de interromper frição de modelos qulquer momento, de lterr espeifições ou projetos, sem viso prévio e sem inorrer em quisquer origções. Merury Mrine, Fond du L, Wisonsin, EUA Impresso nos EUA. 2012, Merury Mrine Alph, Axius, Brvo One, Brvo Two, Brvo Three, o logotipo do M no írulo om s onds, K-plnes, Mriner, MerCthode, MerCruiser, Merury, Merury om logotipos ds onds, Merury Mrine, Merury Preision Prts, Merury Propellers, Merury Ring, MotorGuide, OptiMx, Quiksilver, SeCore, Skyhook, SmrtCrft, Sport-Jet, Verdo, VesselView, Zero Effort, Zeus e #1 On the Wter são mrs registrds d Brunswik Corportion. A Merury Produt Protetion é um mr de serviço registrd d Brunswik Corportion.! ADVERTÊNCIA O operdor (piloto) é responsável pel operção orret e segur do ro, pelo equipmento de ordo e pel segurnç de todos os oupntes. É ltmente reomendável que o operdor lei o Mnul de Operção, Mnutenção e Grnti, e entend tods s instruções de operção do onjunto de potêni e de todos os essórios, ntes de utilizr o ro.! ADVERTÊNCIA A fumç do espmento deste produto, segundo o Estdo d Clifórni, ontém elementos químios que podem usr âner, doençs ongênits e outros risos pr reprodução.

4

5 ÍNDICE Seção 1 - Grnti Informções sore Grnti... 2 Registro d Grnti nos Estdos Unidos e Cndá... 2 Registro d Grnti For dos Estdos Unidos e Cndá... 2 Políti de grnti Modelos Diesel...2 GARANTIA LIMITADA MUNDIAL PARA MOTORES DE USO RECREATIVO DE ALTA POTÊNCIA... 2 O que é oerto... 2 Durção d oertur... 2 Dois nos de grnti limitd Coertur d grnti limitd... 3 Grnti limitd estendid pr omponentes importntes... 3 Clssifição de síd lt... 3 Condições Que Devem Ser Stisfeits Pr Otenção d Coertur d Grnti... 3 O que Merury Mrine frá... 3 Como oter oertur d grnti... 3 Cnelmento d oertur... 4 O que não é oerto... 4 GARANTIA LIMITADA MUNDIAL PARA USO COMERCIAL INTERMITENTE...4 Produtos Inluídos nest Coertur... 4 Durção d oertur... 5 Clssifição omeril intermitente... 5 Condições Que Devem Ser Stisfeits Pr Otenção d Coertur d Grnti... 5 O que Merury Mrine frá... 5 Como oter oertur d grnti... 5 Cnelmento d oertur... 5 O que não é oerto... 5 Grnti limitd ontr orrosão pr unidde de trção Zeus...6 O que é oerto... 6 Durção d oertur... 6 Condições que devem ser stisfeits pr otenção d oertur d grnti... 6 O que Merury frá... 7 Como oter oertur d grnti... 7 O que não é oerto... 7 Grnti limitd de 3 nos ontr orrosão modelos diesel (Apens uso reretivo)... 7 O que é oerto... 7 Durção d oertur... 7 Condições que devem ser stisfeits pr otenção d oertur d grnti... 8 O que Merury frá... 8 Como oter oertur d grnti... 8 O que não é oerto... 8 Trnsferêni d Grnti... 8 Seção 2 - Fmilirize-se om o seu onjunto de potêni Informções geris Modelos oertos Lolizção do número de série d unidde de trção e do desivo Reursos e ontroles Instrumentos VesselView Indidores digitis do tômetro e veloímetro SmrtCrft Indidores digitis do System Link Interruptores Interruptor de prd de emergêni Interruptor de desligmento por ord Sorerg do pinel d interfe do ro (VIP) Prtid e desligmento dos motores Prtid de um motor por meio d hve SmrtStrt no VIP Prd de um motor por meio d hve SmrtStrt no VIP Comndo eletrônio do leme...20 Controle remoto eletrônio (ERC) de lvn dupl Funções e operção Operção Operção ási do joystik...21 Proteção ontr sorerg do sistem elétrio Proteção ontr sorerg do pinel de interfe d emrção (VIP) Proteção de sorerg pr o sistem reguldor de voltgem de CC, se equipdo Proteção de outros iruitos ontr sorerg Monitor e isoldor glvânio Seção 3 - N águ Sugestões pr nvegr om segurnç Fique tento qunto o envenenmento por monóxido de rono...27 Bo ventilção Ventilção defiiente Operção ási do ro...28 Armzenmento em Clims Frios (Temperturs de Congelmento), pr Estção ou por Períodos Prolongdos Tmpão de Drengem e Bom do Porão d Pop Proteção de pessos n águ Com o ro em movimento Enqunto o ro estiver prdo Pr Sltr Onds e Mrouços: Colisão om perigos sumersos Proteção d unidde de trção Zeus ontr imptos Alinhmento d unidde de trção Zeus Condições que fetm operção do ro M por OUTUBRO 2012 Págin i

6 Distriuição de peso (pssgeiros e ggens) dentro do ro Prte inferior do ro Cvitção Ventilção Esolh d Hélie Introdução Período de mimento (om engrengens novs ou de sustituição) Interruptor do reguldor de voltgem CC, se equipdo Prtid e desligmento dos motores Prtid de um motor por meio d hve SmrtStrt no VIP Prd de um motor por meio d hve SmrtStrt no VIP Mnors trdiionis om direção e propulsão Pr mnorr o ro pr frente Pr guinr o ro em urvs fehds ix veloidde...36 Pr girr o ro sore o próprio eixo ixs veloiddes Mnors om o joystik Compensdores Controle utomátio...40 Controle mnul Uso do deslomento dos ompensdores...41 Reursos do sistem digitl espeil de elerção e de mudnç de mrhs (DTS) Respost de nvegção em mrh lent de pes e em elerção Atrção...43 Somente Aelerção Operção om um úni lvn (Alvn 1) Sinronizção dos motores Controle Cruise (Cruzeiro) Trnsferêni de leme Soliitção de trnsferêni do leme Trnsferêni do leme e Preision Pilot Piloto de preisão Reursos do trkpd do Preision Pilot (Piloto de preisão) Informções geris Stndy (Esper) Luzes indidors de Stndy (Esper) e de Ative (Ativo) Íone de Power (Aionmento) Skyhook (se equipdo) Engte (ionmento) d função Skyhook Como destivr (desengtr) função Skyhook Rumo utomátio Aionmento do rumo utomátio Ajuste de urso por meio dos otões de giro ou do joystik Pr retornr um rumo Destivção do Auto Heding (rumo utomátio) Botão Response (Respost) Trk Wypoint Aionmento do modo Trk Wypoint Destivção do modo Trk Wypoint Botões Turn ou joystik em modo Trk Wypoint Botão Auto Heding em modo Trk...57 Reonheimento de um vird durnte proximção um ponto de referêni Sequêni de pontos de destino Operções eventuis Direção Método lterntivo de emergêni Operção somente om o motor de omordo Engte de mrh proedimento de emergêni Direção e ompensção Cnelmento mnul Proedimento pr um válvul de ontrole d direção emperrd...63 Proedimento pr um válvul de ontrole do ompensdor emperrd...63 Finl d Verifição d Primeir Tempord Seção 4 - Espeifições Lurifinte ds engrengens d trnsmissão Trnsmissão Óleo do Atudor de Direção e Compensdor Tints provds Lurifintes provdos Seção 5 - Mnutenção Responsiliddes do produto Responsiliddes do Proprietário e Operdor Responsiliddes do onessionário Sugestões de mnutenção que voê mesmo pode fzer Inspeção gerl do onjunto de potêni Lolizção dos pontos de mnutenção d unidde de trção Estiordo Bomordo Superior Cix de olet Cronogrms de mnutenção Aplição Mnutenção de rotin Mnutenção progrmd Inspeção do ânodo de srifíio Zeus Pod...72 Registro de Mnutenção Tmp d unidde de trção, se equipdo Remoção d oertur d trnsmissão Limpez e inspeção d oertur d trnsmissão Instlção d oertur d trnsmissão Lurifinte d engrengem d unidde de trção Lurifinte ds engrengens d trnsmissão Verifição Enhimento Tro do lurifinte do ionmento d engrengem Com o ro n águ Com o ro for d águ Óleo hidráulio do tudor de direção e ompensdor Verifição Enhimento Tro Óleo (fluido) d trnsmissão e filtro Verifição do nível do óleo d trnsmissão Págin ii 90-8M por OUTUBRO 2012

7 Enhimento...89 Tro Sistem de águ slgd Drengem do sistem de águ do mr Bro for d águ Bro n águ Verifição d olet de águ do mr d unidde de trção...97 Lvgem do sistem de águ slgd Bteri Sistem elétrio Sistem de rrefeimento e de espmento Lurifição Junt desliznte do eixo de trnsmissão...98 Junts universis do eixo de trnsmissão Eixo d hélie Corrosão e proteção ontr orrosão As uss d orrosão Proteção ntiorrosão Anodos e sistem MerCthode Fio do eletrodo de referêni do sistem MerCthode Anodo MerCthode Verifição Sustituição Teste do sistem MerCthode Anodo do ompensdor Verifição Sustituição Ciruitos de Continuidde Iniição de orrosão Pintur do ro Hélies Remoção d hélie Repro d hélie Instlção d hélie Seção 6 - Armzenmento Desrições dos rmzenmentos Armzenmento d unidde de trção Armzenmento em Tempo Frio (Tempertur de Congelmento) Instruções pr rmzenmento prolongdo ARMAZENAMENTO DA BATERIA Reomissionmento Motor Propulsão Grupo de potêni Seção 7 - Solução de prolems Dignóstio de Prolems do Sistem Eletrônio de Comustível Conexões elétris Tels de solução de prolems Resolução de prolems ssoidos o motor Verifique primeiro o VesselView Bixo desempenho Joystik Controles remotos eletrônios Sistem de direção Compensdores Mudnçs ns resposts do ro A teri não rreg indidores e instrumentção Isoldor Glvânio Seção 8 - Informções sore ssistêni o liente Serviço de ssistêni o proprietário Serviço de repro lol Serviço longe de s Em so de furto do onjunto de potêni Atenção neessári pós imersão Sustituição de peçs soresslentes Questões sore peçs e essórios Solução de um prolem Informções de ontto pr o serviço de tendimento o liente d Merury Mrine Litertur Téni de Serviços o Cliente Inglês Outros Idioms Soliitção de Mnuis Ténios Seção 9 - Informções de pré-entreg Informções de pré entreg List de verifição pré entreg pr produtos Zeus (ntes d entreg o liente) Antes d prtid hve desligd Antes d prtid hve ligd Motores em funionmento n do Teste de mr Depois do teste n águ Skyhook (se equipdo) M por OUTUBRO 2012 Págin iii

8 Págin iv 90-8M por OUTUBRO 2012

9 Índie Seção 1 - Grnti Seção 1 - Grnti 1 Informções sore Grnti... 2 Registro d Grnti nos Estdos Unidos e Cndá...2 Registro d Grnti For dos Estdos Unidos e Cndá... 2 Políti de grnti Modelos Diesel... 2 GARANTIA LIMITADA MUNDIAL PARA MOTORES DE USO RECREATIVO DE ALTA POTÊNCIA... 2 O que é oerto... 2 Durção d oertur... 2 Dois nos de grnti limitd Coertur d grnti limitd... 3 Grnti limitd estendid pr omponentes importntes... 3 Clssifição de síd lt... 3 Condições Que Devem Ser Stisfeits Pr Otenção d Coertur d Grnti... 3 O que Merury Mrine frá... 3 Como oter oertur d grnti... 3 Cnelmento d oertur... 4 O que não é oerto... 4 GARANTIA LIMITADA MUNDIAL PARA USO COMERCIAL INTERMITENTE...4 Produtos Inluídos nest Coertur... 4 Durção d oertur... 5 Clssifição omeril intermitente... 5 Condições Que Devem Ser Stisfeits Pr Otenção d Coertur d Grnti... 5 O que Merury Mrine frá... 5 Como oter oertur d grnti... 5 Cnelmento d oertur... 5 O que não é oerto... 5 Grnti limitd ontr orrosão pr unidde de trção Zeus... 6 O que é oerto... 6 Durção d oertur... 6 Condições que devem ser stisfeits pr otenção d oertur d grnti... 6 O que Merury frá... 7 Como oter oertur d grnti... 7 O que não é oerto... 7 Grnti limitd de 3 nos ontr orrosão modelos diesel (Apens uso reretivo)... 7 O que é oerto... 7 Durção d oertur... 7 Condições que devem ser stisfeits pr otenção d oertur d grnti... 8 O que Merury frá... 8 Como oter oertur d grnti... 8 O que não é oerto... 8 Trnsferêni d Grnti M por OUTUBRO 2012 Págin 1

10 Seção 1 - Grnti Informções sore Grnti Registro d Grnti nos Estdos Unidos e Cndá 1. Pr que poss estr oerto pel grnti, o produto deve estr registrdo om Merury Mrine. No momento d vend, o onessionário deve ompletr o registro de grnti e sumetê-lo imeditmente Merury Mrine trvés do MerNET, E-mil, ou por rt. A Merury Mrine grvrá o registro d grnti qundo o reeer. 2. A oertur d grnti não será válid té que o seu produto tenh sido registrdo om Merury Mrine. 3. Voê pode mudr o seu endereço qulquer momento, inlusive n osião do pedido de grnti, telefonndo pr Merury Mrine ou envindo um rt ou fx om o seu nome, endereço ntigo e novo, omo tmém o número de série do motor pr o deprtmento de registro de grnti d Merury Mrine. Seu onessionário tmém pode proessr lterção desss informções. Merury Mrine A/C: Wrrnty Registrtion Deprtment W6250 W. Pioneer Rod P.O. Box 1939 Fond du L, WI Fx NOTA: As lists de registro devem ser mntids pel Merury Mrine e qulquer onessionário pr produtos mrítimos vendidos nos Estdos Unidos, no so de um rehmd nos termos do Federl Sfety At (Ato Federl de Segurnç). Registro d Grnti For dos Estdos Unidos e Cndá 1. É importnte que seu onessionário preenh totlmente o rtão de registro de grnti e o envie o distriuidor ou o Centro de Serviços d Mrine Power responsável pel dministrção do progrm de registro e soliitção de grnti pr su áre. 2. O rtão de registro d grnti ontém o seu nome e endereço, o modelo do produto e números de série, dt d vend, tipo de utilizção e o número do ódigo, nome e endereço do distriuidor/onessionário. O distriuidor ou onessionário tmém onfirm que voê é o omprdor e usuário originl do produto. 3. Voê deve reeer um ópi do rtão de registro d grnti (vi do Comprdor) pós o distriuidor/revendedor ter preenhido ompletmente o rtão. Estão rtão represent identifição de registro de fári e voê deve gurdá-lo pr uso futuro, qundo for neessário. Se voê soliitr os serviços de grnti pr este produto, o seu onessionário soliitrá o rtão de registro de grnti pr verifir dt d ompr e pr utilizr s informções no rtão pr preprr o formulário de pedido de grnti. 4. Em lguns píses, o Centro de Serviços d Mrine Power emitirá um rtão de registro de grnti permnente (plástio), 30 dis pós ter reeido ópi do rtão de registro d grnti do seu distriuidor ou onessionário. Se voê reeer um rtão de registro de grnti de plástio, jogue for vi do Comprdor que reeeu do distriuidor ou onessionário qundo omprou o produto. Pergunte o distriuidor ou onessionário se o progrm do rtão de plástio se pli voê. 5. Pr oter mis informções reltivs o rtão de registro de grnti e su orrelção om o proessmento do Pedido de Grnti, onsulte Grnti Internionl. Consulte o Índie. IMPORTANTE: As lists de registro devem ser mntids pel fári e onessionário de lguns píses, isto é um exigêni legl. Gostrímos de ter TODOS os produtos registrdos n fári, no so preisrmos onttá-lo. Certifique-se de que o onessionário utorizdo ou o distriuidor Merury Mrine preenh o rtão de registro de grnti imeditmente e envie ópi d fári pr o Centro de Serviços d Mrine Power Interntionl pr su região. Políti de grnti Modelos Diesel GARANTIA LIMITADA MUNDIAL PARA MOTORES DE USO RECREATIVO DE ALTA POTÊNCIA O que é oerto A Merury Mrine grnte que d novo sistem de ionmento Zeus (Produto) estej isento de defeitos de mteril e de mão de or durnte o período desrito seguir. Durção d oertur A grnti inii-se n dt d primeir quisição do produto pr uso reretivo por um omprdor vrejist ou n dt em que o produto for olodo em uso pel primeir vez, o que oorrer primeiro. Ess grnti limitd oferee oertur pr 24 meses ou 1000 hors de uso, o que oorrer primeiro. O uso omeril deste produto nul grnti. Define-se "uso omeril" omo todo uso do produto reliondo o trlho ou emprego, ssim omo qulquer uso do produto que gere rend durnte qulquer prte do przo de grnti, ind que o produto sej utilizdo pens osionlmente pr tis finliddes. O onserto ou sustituição de peçs ou relizção de mnutenção so os termos dest grnti não estendem durção d grnti pr lém d dt de venimento originl. A oertur d grnti não venid pode ser trnsferid de um liente de uso reretivo pr um liente susequente de uso reretivo medinte devid revlidção do registro do produto. Págin M por OUTUBRO 2012

11 Dois nos de grnti limitd Coertur d grnti limitd Seção 1 - Grnti Ess grnti limitd oferee oertur por 24 meses ou 1000 hors de uso, o que oorrer primeiro pr grnti do ionmento ásio. Ctegori d oertur Meses Hors Peçs e mão de or Vigem Aionmento ásio Sim Sim Grnti estendid dos prinipis omponentes Sim Sim Grnti limitd estendid pr omponentes importntes A grnti limitd estendid dos prinipis omponentes entr em vigor qundo grnti limitd d unidde de trção ási expir. A grnti limitd d unidde de trção ási expir pós 24 meses ou 1000 hors de serviço, o que oorrer primeiro. A grnti limitd estendid dos prinipis omponentes ore flhs pssíveis de grnti ds seguintes peçs d unidde de trção ou peçs fundids por 48 meses ou 2000 hors de serviço, o que oorrer primeiro: Coertur d grnti limitd estendid pr omponentes importntes Peç fundid d ix de engrengens mrítim Peç fundid d ix dptdor de engrengens mrítim Peç fundid do lojmento do tudor d direção Peç fundid d seção intermediári do ionmento Peç fundid d ix de engrengens inferior (Exluídos dnos por impto suquátio) Peç fundid d de ompensção (exluídos dnos por impto suquátio) Peç fundid do port-rolmento (exluídos dnos por impto suquátio) Eixo de trnsmissão (junts universis exluíds) Eixo intermediário (exluídos dnos por impto suquátio) Anéis d rçdeir Tlão de quilh (exluídos dnos por impto suquátio) Clssifição de síd lt Um lssifição de lt potêni é usd pr plições de rg vriável e requer que potêni máxim sej limitd um (1) hor d oito (8) hors de funionmento. A operção om potêni reduzid (7 hors ds 8 em que o motor não é iondo om potêni máxim) deve ser igul à veloidde de ruzeiro ou inferior el. A veloidde de ruzeiro depende d veloidde nominl máxim do motor (RPM): Veloidde nominl do motor (RPM) em potêni máxim (Potêni máxim é definid omo um rotção que ultrpss veloidde de ruzeiro) Veloidde de ruzeiro Redução d veloidde nominl do motor (RPM) RPMs 200 RPM RPM 300 RPM RPM 400 RPM Condições Que Devem Ser Stisfeits Pr Otenção d Coertur d Grnti A oertur d grnti está disponível somente pr os lientes vrejists que omprrem de um revendedor utorizdo pel Merury Mrine distriuir o produto no pís em que vend oorreu, e somente pós o proesso de inspeção de pré-entreg ter sido onluído e doumentdo. A oertur d grnti torn-se disponível depois de o produto ser devidmente registrdo por um onessionári utorizd. A Merury Mrine, seu ritério exlusivo, poderá nelr grnti se s informções de registro d grnti sore utilizção reretiv forem inorrets ou se oorrer mudnç susequente de uso reretivo pr omeril ( menos que o registro sej devidmente tulizdo). A mnutenção de rotin desrit no Mnul de operção, mnutenção e grnti deve ser exeutd regulrmente, pr que oertur de grnti poss ser otid. A Merury Mrine se reserv o direito de suspender oertur d grnti té oter prov de que s mnutenções form relizds nos termos do progrm de mnutenção. NOTA: A plição do produto deve ser nlisd e provd pel Merury Mrine. O que Merury Mrine frá A úni e exlusiv origção d Merury Mrine nos termos dest grnti limit-se, onforme nosso ritério, o repro d peç defeituos, à sustituição de tl peç ou peçs por peçs novs ou reondiionds e ertifids pel Merury Mrine, ou o reemolso do vlor de ompr do produto Merury Mrine. A Merury Mrine se reserv o direito de perfeiçor ou de modifir os produtos sem inorrer n origção de modifir os produtos fridos nteriormente. Como oter oertur d grnti Os pedidos de oertur de grnti devem ser feitos trvés de um ofiin meâni utorizd Merury Mrine. Pr o serviço em grnti, o liente deve dr à Merury Mrine um przo rzoável pr o onserto e permitir esso dequdo o produto. A não ser que soliitdo pel Merury Mrine, o omprdor não deve envir diretmente o produto ou sus peçs. 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 3

12 Seção 1 - Grnti Cnelmento d oertur A oertur d grnti pode ser neld pr produtos usdos otidos trvés de qulquer um ds seguintes situções: Confiso de um liente de vrejo Compr em leilão Compr de feirão Compr por ompnhi de seguros que tenh otido o produto omo resultdo de sinistro Informções impreiss do registro de grnti O que não é oerto Est grnti limitd não ore: Itens de mnutenção de rotin Ajustes Desgste usdo pelo uso norml do produto. Dnos usdos por uso Uso indevido Uso de um hélie ou relção de mrhs que não permit o motor funionr dentro do regime de rotções por minuto (rpm) reomenddo (onsulte o Mnul de Operção, Mnutenção e Grnti) A operção do produto de form inonsistente om o reomenddo n seção de operção/ilo de tividde do Mnul de Operção, Mnutenção e Grnti Negligêni Aidente Imersão Instlção inorret (s espeifições e ténis de instlção orrets estão desrits ns instruções de instlção pr o produto); Mnutenção inorret Uso de um essório ou peç não fridos nem vendidos pel Merury Mrine e que dnifique o produto Merury Operção om óleos ou lurifintes não dequdos pr utilizção om este produto (onsulte o Mnul de operção, mnutenção e grnti) Alterções ou remoção de peçs Dnos usdos o produto por flt de águ pr resfrimento devido loqueios do sistem de resfrimento por um orpo estrnho O uso do produto pr orrids ou outrs tividdes ompetitivs, mesmo que por um proprietário nterior do produto, nulrá grnti. As despess relionds om retird e oloção n águ, reoque, rmzenmento, telefone, luguel, inonvenientes, trifs de trção, oertur de seguro, pgmento de empréstimos, perd de tempo, perd de rendimento ou qulquer tipo de dnos inidentis ou onsequeniis não são oerts por est grnti. Além disso, s despess ssoids à remoção ou sustituição de seções ou outros mteriis do ro pr permitir o esso o produto não são oerts por est grnti. Nenhum pesso físi ou jurídi, inluindo os onessionários utorizdos Merury Mrine, tem utoridde pr fzer delrções, representções ou dr grnti sore o produto lém dquels ontids nest grnti limitd; so sejm feits, não poderão ser exeutds ontr Merury Mrine. ISENÇÕES DE RESPONSABILIDADES E LIMITAÇÕES AS GARANTIAS IMPLÍCITAS DE COMERCIALIZAÇÃO E APTIDÃO PARA UMA FINALIDADE PARTICULAR SÃO EXPRESSAMENTE REJEITADAS. SE NÃO PUDEREM SER REJEITADAS, AS GARANTIAS IMPLÍCITAS ESTÃO LIMITADAS EM DURAÇÃO PELA DURAÇÃO DA GARANTIA EXPRESSA. DANOS INCIDENTAIS E CONSEQUENCIAIS NÃO SÃO COBERTOS POR ESTA GARANTIA. ALGUNS ESTADOS/PAÍSES NÃO PERMITEM AS ISENÇÕES DE RESPONSABILIDADE, LIMITAÇÕES E EXCLUSÕES DESCRITAS ACIMA. PORTANTO, ELAS PODEM NÃO SE APLICAR AO SEU CASO. ESTA GARANTIA LHE CONCEDE DIREITOS LEGAIS ESPECÍFICOS E VOCÊ PODE TER OUTROS DIREITOS QUE VARIAM DE ESTADO PARA ESTADO E DE PAÍS PARA PAÍS. GARANTIA LIMITADA MUNDIAL PARA USO COMERCIAL INTERMITENTE Produtos Inluídos nest Coertur A Merury Mrine grnte que d novo sistem de ionmento Zeus (Produto) está isento de defeitos de mteril e de mão de or durnte o período desrito seguir. Págin M por OUTUBRO 2012

13 Durção d oertur Seção 1 - Grnti A grnti omeç n dt d quisição do produto pr uso omeril intermitente por um omprdor vrejist ou n dt em que o produto for olodo em uso pel primeir vez, o que oorrer primeiro. Ess grnti limitd oferee oertur pr 24 meses ou 3000 hors de uso, o que oorrer primeiro. O repro ou sustituição de peçs ou relizção de mnutenção so os termos dest grnti não estendem durção d grnti pr lém d dt de venimento originl. A oertur d grnti não expird não pode ser trnsferid. Clssifição omeril intermitente Comeril intermitente é usd pr plições de rg vriável onde potêni totl é limitd dus (2) hors d oito (8) hors de funionmento. A operção om potêni reduzid (6 hors ds 8 em que o motor não é iondo om potêni máxim) deve ser igul ou inferior à veloidde de ruzeiro. A veloidde de ruzeiro depende d veloidde nominl máxim do motor (RPM): Veloidde nominl do motor (RPM) em potêni máxim (Potêni máxim é definid omo um rotção que ultrpss veloidde de ruzeiro) Veloidde de ruzeiro Redução d veloidde nominl do motor (RPM) RPMs 200 RPM RPM 300 RPM RPM 400 RPM Uso omeril é definido omo todo uso do produto reliondo om o trlho ou emprego, ssim omo, qulquer uso do produto que gere rend, por qulquer prel do przo de grnti, ind que o produto sej utilizdo pens osionlmente pr tis finliddes. A operção deste produto im ds espeifições de uso omeril intermitente nulrá grnti. Condições Que Devem Ser Stisfeits Pr Otenção d Coertur d Grnti A oertur d grnti está disponível somente pr os lientes de vrejo que omprrem de um revendedor utorizdo pel Merury Mrine distriuir o produto no pís em que vend oorreu, e somente pós o proesso de inspeção de pré-entreg ter sido ompletdo e doumentdo. A oertur d grnti torn-se disponível depois de o produto ser devidmente registrdo por um onessionári utorizd. A mnutenção de rotin desrit no Mnul de Operção, Mnutenção e Grnti deve ser exeutd regulrmente, pr que oertur de grnti poss ser otid. A Merury Mrine se reserv o direito de suspender oertur d grnti té oter prov de que s mnutenções form relizds nos termos do progrm de mnutenção. NOTA: A plição do produto deve ser nlisd e provd pel Merury Mrine. O que Merury Mrine frá A úni e exlusiv origção d Merury Mrine nos termos dest grnti limit-se, onforme nosso ritério, o repro d peç defeituos, à sustituição de tl peç ou peçs por peçs novs ou reondiionds e ertifids pel Merury Mrine, ou o reemolso do vlor de ompr do produto Merury Mrine. A Merury Mrine se reserv o direito de perfeiçor ou de modifir os produtos sem inorrer n origção de modifir os produtos fridos nteriormente. Como oter oertur d grnti Os pedidos de oertur de grnti devem ser feitos trvés de um ofiin meâni utorizd Merury Mrine. Pr o serviço em grnti, o liente deve dr à Merury Mrine um przo rzoável pr o onserto e permitir esso dequdo o produto. A não ser que soliitdo pel Merury Mrine, o omprdor não deve envir diretmente o produto ou sus peçs. Cnelmento d oertur A oertur d grnti pode ser neld pr produtos usdos otidos trvés de qulquer um ds seguintes situções: Confiso de um liente de vrejo Compr em leilão Compr de feirão Compr por ompnhi de seguros que tenh otido o produto omo resultdo de sinistro Informções impreiss do registro de grnti O que não é oerto Est grnti limitd não ore: Itens de mnutenção de rotin Ajustes Desgste usdo pelo uso norml do produto. Dnos usdos por uso Uso indevido Uso de um hélie ou relção de mrhs que não permit o motor funionr dentro do regime de rotções por minuto (rpm) reomenddo (onsulte o Mnul de Operção, Mnutenção e Grnti) 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 5

14 Seção 1 - Grnti A operção do produto de form inonsistente om o reomenddo n seção de operção/ilo de tividde do Mnul de Operção, Mnutenção e Grnti Negligêni Aidente Imersão Instlção inorret (s espeifições e ténis de instlção orrets estão desrits ns instruções de instlção pr o produto); Mnutenção inorret Uso de um essório ou peç não fridos nem vendidos pel Merury Mrine e que dnifique o produto Merury Operção om óleos ou lurifintes não dequdos pr utilizção om este produto (onsulte o Mnul de operção, mnutenção e grnti) Alterções ou remoção de peçs Dnos usdos o produto por flt de águ pr resfrimento devido loqueios do sistem de resfrimento por um orpo estrnho O uso do produto pr orrids ou outrs tividdes ompetitivs, mesmo que por um proprietário nterior do produto, nulrá grnti. As despess relionds om retird e oloção n águ, reoque, rmzenmento, telefone, luguel, inonvenientes, trifs de trção, oertur de seguro, pgmento de empréstimos, perd de tempo, perd de rendimento ou qulquer tipo de dnos inidentis ou onsequeniis não são oerts por est grnti. Além disso, s despess ssoids à remoção ou sustituição de seções ou outros mteriis do ro pr permitir o esso o produto não são oerts por est grnti. Nenhum pesso físi ou jurídi, inluindo os onessionários utorizdos Merury Mrine, tem utoridde pr fzer delrções, representções ou dr grnti sore o produto lém dquels ontids nest grnti limitd; so sejm feits, não poderão ser exeutds ontr Merury Mrine. ISENÇÕES DE RESPONSABILIDADES E LIMITAÇÕES AS GARANTIAS IMPLÍCITAS DE COMERCIALIZAÇÃO E APTIDÃO PARA UMA FINALIDADE PARTICULAR SÃO EXPRESSAMENTE REJEITADAS. SE NÃO PUDEREM SER REJEITADAS, AS GARANTIAS IMPLÍCITAS ESTÃO LIMITADAS EM DURAÇÃO PELA DURAÇÃO DA GARANTIA EXPRESSA. DANOS INCIDENTAIS E CONSEQUENCIAIS NÃO SÃO COBERTOS POR ESTA GARANTIA. ALGUNS ESTADOS/PAÍSES NÃO PERMITEM AS ISENÇÕES DE RESPONSABILIDADE, LIMITAÇÕES E EXCLUSÕES DESCRITAS ACIMA. PORTANTO, ELAS PODEM NÃO SE APLICAR AO SEU CASO. ESTA GARANTIA LHE CONCEDE DIREITOS LEGAIS ESPECÍFICOS E VOCÊ PODE TER OUTROS DIREITOS QUE VARIAM DE ESTADO PARA ESTADO E DE PAÍS PARA PAÍS. Grnti limitd ontr orrosão pr unidde de trção Zeus O que é oerto A Merury Mrine grnte que d sistem de ionmento Zeus (Produto) novo (uso não omeril) não será onsiderdo inopernte omo resultdo direto de orrosão pelo período de tempo desrito seguir: Durção d oertur Est grnti limitd proporion oertur de 36 meses ou 1500 hors de uso prtir d dt em que o produto foi vendido pel primeir vez ou d dt em que o produto foi olodo em uso pel primeir vez, o que oorrer primeiro. O repro e sustituição de peçs ou relizção de mnutenção de ordo om os termos dest grnti não estendem durção d grnti pr lém d dt de venimento originl. A oertur d grnti não venid pode ser trnsferid o omprdor susequente medinte registro dequdo do produto. A oertur d grnti pode ser neld pr produtos usdos ou om nov posse por um liente de vrejo, produtos dquiridos em leilão, feirão ou por um ompnhi de seguros que tenh otido o produto omo resultdo de sinistro. Condições que devem ser stisfeits pr otenção d oertur d grnti A oertur d grnti está disponível somente pr os lientes de vrejo que omprrem de um onessionário utorizdo pel Merury Mrine distriuir o produto no pís em que vend oorreu, e somente pós ter sido onluído e doumentdo o proesso de inspeção de pré-entreg espeifido pel Merury Mrine. A oertur d grnti tornse disponível pós o produto ter sido devidmente registrdo pelo onessionário utorizdo. Os dispositivos de prevenção ontr orrosão espeifidos no Mnul de operção, mnutenção e grnti devem ser utilizdos no ro, e mnutenção de rotin desrit no mnul de Operção, mnutenção e grnti deve ser exeutd em tempo háil (inlusive, sem limitção, sustituição dos ânodos de proteção, uso de lurifintes espeiis e retoque de risos e rrnhões), fim de mnter oertur d grnti. A Merury Mrine se reserv o direito de ondiionr oertur d grnti à omprovção de que tods s mnutenções form relizds dequdmente. Págin M por OUTUBRO 2012

15 O que Merury frá Seção 1 - Grnti A úni e exlusiv origção d Merury Mrine nos termos dest grnti limit-se, seu ritério, o repro d peç orroíd, à sustituição de tl(is) peç(s) por peç(s) nov(s) ou reondiiond(s) e ertifid(s) pel Merury Mrine, ou o reemolso do vlor de ompr do produto Merury. A Merury se reserv o direito de primorr ou modifir produtos de tempos em tempos sem ssumir origção de modifir os produtos fridos nteriormente. Como oter oertur d grnti É neessário que o liente ofereç à Merury um oportunidde rzoável pr o repro e o esso dequdo o produto pr o serviço de grnti. As reivindições de grnti devem ser feits entregndo-se o produto pr inspeção um revendedor utorizdo Merury pr prestr ssistêni téni o produto. Se não puder entregr o produto o revendedor, o omprdor deverá envir um omunido por esrito à Merury Mrine. Nós provideniremos inspeção e todos os onsertos oertos pel grnti. Nesse so, o omprdor rrá om tods s despess relionds o trnsporte e/ou tempo de vigem. Se ssistêni téni prestd não for oert por est grnti, o omprdor rrá om tods s despess relionds o mteril e à mão de or e quisquer outrs despess ssoids esse serviço. A não ser que soliitdo pel Merury Mrine, o omprdor não deve envir o produto ou sus peçs diretmente à Merury Mrine. Por osião d soliitção dos serviços d grnti, pr oter oertur, o omprdor deve presentr um omprovnte de registro de propriedde o revendedor. O que não é oerto Est grnti limitd não ore orrosão do sistem elétrio; orrosão resultnte de dnos; orrosão om dnos purmente estétios, uso ou mnutenção indequd; orrosão em essórios, instrumentos, sistems de direção; dnos usdos por orgnismos mrinhos; produto vendido om grnti do produto inferior à grnti limitd de um no; peçs de reposição (peçs omprds pelo liente); produtos usdos em plição omeril; dnos por orrosão omo resultdo de plição indequd de tint (onsulte o Mnul de operção, mnutenção e grnti pr informrse sore s plições eitáveis de tint). Define-se "uso omeril" omo todo uso do produto reliondo om o trlho ou emprego, ssim omo, qulquer uso do produto que gere rend, por qulquer prel do przo de grnti, ind que o produto sej utilizdo pens osionlmente pr tis finliddes. ISENÇÕES DE RESPONSABILIDADES E LIMITAÇÕES AS GARANTIAS IMPLÍCITAS DE COMERCIALIZAÇÃO E APTIDÃO PARA UMA FINALIDADE PARTICULAR SÃO EXPRESSAMENTE REJEITADAS. SE NÃO PUDEREM SER REJEITADAS, AS GARANTIAS IMPLÍCITAS ESTÃO LIMITADAS EM DURAÇÃO PELA DURAÇÃO DA GARANTIA EXPRESSA. DANOS INCIDENTAIS E CONSEQUENCIAIS NÃO SÃO COBERTOS POR ESTA GARANTIA. ALGUNS ESTADOS/PAÍSES NÃO PERMITEM AS ISENÇÕES DE RESPONSABILIDADE, LIMITAÇÕES E EXCLUSÕES DESCRITAS ACIMA. PORTANTO, ELAS PODEM NÃO SE APLICAR AO SEU CASO. ESTA GARANTIA LHE CONCEDE DIREITOS LEGAIS ESPECÍFICOS E VOCÊ PODE TER OUTROS DIREITOS QUE VARIAM DE ESTADO PARA ESTADO E DE PAÍS PARA PAÍS. Grnti limitd de 3 nos ontr orrosão-modelos diesel (Apens uso reretivo) O que é oerto A Merury Mrine grnte que d novo onjunto de ionmento/motor de uso reretivo (Produto) não presentrá vris usds por orrosão dentro do período ixo desrito: Durção d oertur Est grnti limitd proporion oertur de três (3) nos, prtir d dt d vend iniil do produto ou dt n qul o produto foi olodo em uso pel primeir vez, o que oorrer primeiro. O repro e sustituição de peçs ou relizção de mnutenção de ordo om os termos dest grnti não estendem durção d grnti pr lém d dt de venimento originl. A oertur d grnti não venid pode ser trnsferid o omprdor susequente (pr uso não omeril medinte devid revlidção do registro do produto. A oertur d grnti pode ser neld pr produtos usdos ou om nov posse por um liente de vrejo, produtos dquiridos em leilão, feirão ou por um ompnhi de seguros que tenh otido o produto omo resultdo de sinistro. 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 7

16 Seção 1 - Grnti Condições que devem ser stisfeits pr otenção d oertur d grnti A oertur d grnti está disponível somente pr os lientes de vrejo que omprrem de um onessionário utorizdo pel Merury Mrine distriuir o produto no pís em que vend oorreu, e somente pós ter sido onluído e doumentdo o proesso de inspeção de pré-entreg espeifido pel Merury Mrine. A oertur d grnti tornse disponível pós o produto ter sido devidmente registrdo pelo onessionário utorizdo. Os dispositivos de prevenção ontr orrosão espeifidos no Mnul de operção, mnutenção e grnti devem ser utilizdos no ro, e mnutenção de rotin desrit no mnul de Operção, mnutenção e grnti deve ser exeutd em tempo háil (inlusive, sem limitção, sustituição dos ânodos de proteção, uso de lurifintes espeiis e retoque de risos e rrnhões), fim de mnter oertur d grnti. A Merury Mrine se reserv o direito de ondiionr oertur d grnti à omprovção de que tods s mnutenções form relizds dequdmente. O que Merury frá A úni e exlusiv origção d Merury Mrine nos termos dest grnti limit-se, seu ritério, o repro d peç orroíd, à sustituição de tl(is) peç(s) por peç(s) nov(s) ou reondiiond(s) e ertifid(s) pel Merury Mrine, ou o reemolso do vlor de ompr do produto Merury. A Merury se reserv o direito de primorr ou modifir produtos de tempos em tempos sem ssumir origção de modifir os produtos fridos nteriormente. Como oter oertur d grnti É neessário que o liente ofereç à Merury um oportunidde rzoável pr o repro e o esso dequdo o produto pr o serviço de grnti. As reivindições de grnti devem ser feits entregndo-se o produto pr inspeção um revendedor utorizdo Merury pr prestr ssistêni téni o produto. Se não puder entregr o produto o revendedor, o omprdor deverá envir um omunido por esrito à Merury Mrine. Nós provideniremos inspeção e todos os onsertos oertos pel grnti. Nesse so, o omprdor rrá om tods s despess relionds o trnsporte e/ou tempo de vigem. Se ssistêni téni prestd não for oert por est grnti, o omprdor rrá om tods s despess relionds o mteril e à mão de or e quisquer outrs despess ssoids esse serviço. A não ser que soliitdo pel Merury Mrine, o omprdor não deve envir o produto ou sus peçs diretmente à Merury Mrine. Por osião d soliitção dos serviços d grnti, pr oter oertur, o omprdor deve presentr um omprovnte de registro de propriedde o revendedor. O que não é oerto A grnti limitd não ore orrosão do sistem elétrio, orrosão resultnte de dnos, orrosão que use dnos osmétios pens, uso ou mnutenção inorret, orrosão de essórios, instrumentos, sistem de direção; orrosão de uniddes de trção jto instlds n fári; dnos usdos pelo resimento de orgnismos mrítimos; produto vendido om menos de um no de grnti limitd do Produto; peçs de reposição (peçs omprds pelo liente); produtos usdos em tividdes omeriis. Define-se "uso omeril" omo todo uso do produto reliondo om o trlho ou emprego, ssim omo, qulquer uso do produto que gere rend, por qulquer prel do przo de grnti, ind que o produto sej utilizdo pens osionlmente pr tis finliddes. ISENÇÕES DE RESPONSABILIDADES E LIMITAÇÕES AS GARANTIAS IMPLÍCITAS DE COMERCIALIZAÇÃO E APTIDÃO PARA UMA FINALIDADE PARTICULAR SÃO EXPRESSAMENTE REJEITADAS. SE NÃO PUDEREM SER REJEITADAS, AS GARANTIAS IMPLÍCITAS ESTÃO LIMITADAS EM DURAÇÃO PELA DURAÇÃO DA GARANTIA EXPRESSA. DANOS INCIDENTAIS E CONSEQUENCIAIS NÃO SÃO COBERTOS POR ESTA GARANTIA. ALGUNS ESTADOS/PAÍSES NÃO PERMITEM AS ISENÇÕES DE RESPONSABILIDADE, LIMITAÇÕES E EXCLUSÕES DESCRITAS ACIMA. PORTANTO, ELAS PODEM NÃO SE APLICAR AO SEU CASO. ESTA GARANTIA LHE CONCEDE DIREITOS LEGAIS ESPECÍFICOS E VOCÊ PODE TER OUTROS DIREITOS QUE VARIAM DE ESTADO PARA ESTADO E DE PAÍS PARA PAÍS. Trnsferêni d Grnti A grnti limitd pode ser trnsferid o omprdor susequente, ms pens pelo tempo restnte não utilizdo d grnti limitd. Isso não se pli os produtos usdos pr plições omeriis. Pr trnsferir grnti o proprietário susequente, envie ou mnde por fx um ópi d not fisl ou do ontrto de ompr, nome do novo proprietário, endereço e o número de série do motor pr o deprtmento de registro de grnti d Merury Mrine. Nos Estdos Unidos e Cndá, envie os doumentos indidos im pr: Merury Mrine A/C: Wrrnty Registrtion Deprtment W6250 W. Pioneer Rod P.O. Box 1939 Fond du L, WI Fx Págin M por OUTUBRO 2012

17 Seção 1 - Grnti Depois do proessmento d trnsferêni de grnti, Merury Mrine envirá verifição do registro o novo omprdor do produto pelo orreio. Não serão ords quisquer despess por esses serviços. Pr produtos omprdos for dos Estdos Unidos e Cndá, entre em ontto om o distriuidor no seu pís ou om o Centro de Mnutenção d Mrine Power mis próximo. 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 9

18 Seção 1 - Grnti Nots: Págin M por OUTUBRO 2012

19 Índie Seção 2 - Fmilirize-se om o seu onjunto de potêni Seção 2 - Fmilirize-se om o seu onjunto de potêni 2 Informções geris Modelos oertos Lolizção do número de série d unidde de trção e do desivo Reursos e ontroles Instrumentos VesselView Indidores digitis do tômetro e veloímetro SmrtCrft Indidores digitis do System Link Interruptores Interruptor de prd de emergêni Interruptor de desligmento por ord Sorerg do pinel d interfe do ro (VIP) Prtid e desligmento dos motores Prtid de um motor por meio d hve SmrtStrt no VIP Prd de um motor por meio d hve SmrtStrt no VIP Comndo eletrônio do leme Controle remoto eletrônio (ERC) de lvn dupl Funções e operção Operção Operção ási do joystik Proteção ontr sorerg do sistem elétrio Proteção ontr sorerg do pinel de interfe d emrção (VIP) Proteção de sorerg pr o sistem reguldor de voltgem de CC, se equipdo Proteção de outros iruitos ontr sorerg Monitor e isoldor glvânio M por OUTUBRO 2012 Págin 11

20 Seção 2 - Fmilirize-se om o seu onjunto de potêni Informções geris Modelos oertos Modelos oertos Uniddes de trção pod Série Zeus 3000 Número de série 0M e im Lolizção do número de série d unidde de trção e do desivo Os números de série são s referênis do frinte pr inúmeros detlhes de engenhri que se plim à su unidde de trção. Lolizções dos números de série d unidde de trção - pl om o número de série d trnsmissão - Adesivo e grvur om o número de série d unidde de trção Consulte o mnul do proprietário, forneido om o motor, pr oter informções sore lolizção d etiquet de ddos do motor, que ontém o número de série do motor e o número do modelo. Reursos e ontroles Instrumentos VesselView Seu onjunto de potêni pode ser onetdo um mostrdor SmrtCrft VesselView. O mostrdor VesselView intertivo inform ontinumente informções em tempo rel sore veloidde e desempenho, ódigos de flh do motor, tempertur e profundidde d águ. Qundo o VesselView detet um prolem om qulquer sistem onetdo, ele exie um mensgem de lrme o operdor do ro VesselView O VesselView tmém pode ser onetdo outros sistems do ro, tis omo GPS, gerdores e ontroles do miente d ine. A integrção deste ro permite o operdor monitorr e ontrolr um mpl gm de sistems pr um únio mostrdor. Consulte o mnul de operções do VesselView pr oter instruções mis detlhds sore omo operr este mostrdor Págin M por OUTUBRO 2012

21 Indidores digitis do tômetro e veloímetro SmrtCrft Seção 2 - Fmilirize-se om o seu onjunto de potêni O onjunto de instrumentos SmrtCrft, se equipdo, ument s informções forneids pelo VesselView. O onjunto de instrumentos pode exiir: Rotção do motor Veloidde do ro Tempertur do fluido de rrefeimento Pressão do óleo Tensão d teri Consumo de omustível Hors de funionmento do motor Tômetro e veloímetro SmrtCrft - Tômetro - Veloímetro - Mostrdor de LCD O onjunto de instrumentos SmrtCrft tmém judrá n identifição dos ódigos de flh ssoidos o sistem de lrme sonoro. O onjunto de instrumentos SmrtCrft exie ddos rítios de lrme do motor e outros prolems poteniis no seu visor LCD. Pr oter informções ásis sore operção do onjunto de instrumentos e detlhes referentes às funções de dvertêni monitords pelo sistem, onsulte o mnul forneido om o onjunto de instrumentos. Indidores digitis do System Link Alguns onjuntos de instrumentos inluem medidores que umentm s informções forneids pelo tômetro e veloímetro VesselView e SmrtCrft. O proprietário e o operdor devem estr fmilirizdos om todos os instrumentos do ro e sus funções. Devido à grnde vriedde de instrumentos e frintes, peç o seu onessionário pr lhe explir os medidores e s leiturs normis do seu ro. Os tipos de medidores digitis desritos seguir podem ser inluídos om o seu onjunto de potêni. d Indidores digitis do System Link Item Medidor Indi Medidor de pressão do óleo Pressão de óleo do motor Voltímetro Tensão d teri Medidor de tempertur d águ Tempertur de operção do motor d Medidor de omustível Quntidde de omustível no tnque. 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 13

22 Seção 2 - Fmilirize-se om o seu onjunto de potêni Interruptores Chve de ignição de qutro posições "OFF" (DESLIGADA). - N posição "DESLIGADA", todos os iruitos elétrios estão desligdos. O motor não funionrá om hve de ignição n posição "DESLIGADA". "ACC" (ACESSÓRIOS) - N posição "ACC" (ACESSÓRIOS), qulquer essório onetdo os iruitos elétrios pode ser operdo. O motor não funionrá om hve de ignição n posição "ACC" (ACESSÓRIOS). "ON" (LIGADA). - N posição "LIGADA", todos os iruitos elétrios e instrumentção reeem orrente elétri. O motor pode se ligdo om um interruptor de prtid/desligmento. "START" (PARTIDA). - Gire hve de ignição pr posição "START" (prtid) e solte pr ligr o motor. NOTA: A hve só pode ser removid do interruptor n posição "OFF" (DESLIGADA) Interruptor de prtid/desligmento de dois motores O interruptor de prtid/desligmento é um equipmento opionl. O interruptor de prtid/ desligmento trlh em onjunto om hve de ignição. Existe um interruptor de prtid/ desligmento pr d motor. Cd otão em um interruptor de prtid/desligmento funion independentemente. A hve de ignição deve estr n posição de funionmento pr ligr um motor desligdo om o interruptor de prtid/desligmento. Pressionr um otão do interruptor de prtid/desligmento qundo um motor estiver funionndo desligrá o motor orrespondente Interruptor tipo lvn do ventildor do porão ON Aion o ventildor do porão, se equipdo. OFF Págin M por OUTUBRO 2012

23 Interruptor de prd de emergêni Seção 2 - Fmilirize-se om o seu onjunto de potêni Um interruptor de prd de emergêni (E-stop) é usdo pr desligr os motores em um situção de emergêni, omo um pesso que tenh ído no mr ou um hélie pres. Qundo iondo, um interruptor de desligmento de emergêni interrompe limentção pr o motor e trnsmissão. Se o ro estiver equipdo om um interruptor de prd de emergêni, ele deslig todos os motores Interruptor de prd de emergêni típio O ionmento de um interruptor de desligmento de emergêni desligrá o motor ou motores imeditmente, ms o ro ontinurá se mover por um distâni que dependerá d veloidde e do ângulo de urv no momento do desligmento. Enqunto ontinur o seu movimento, o ro poderá usr ferimentos pessos que estejm em su trjetóri tão grves qunto se estivesse em funionmento. Reomendmos que outros oupntes reem instruções referentes os proedimentos orretos de prtid e operção, so preisem operr o motor em so de emergêni. Tmém é possível o ionmento identl ou não intenionl d hve durnte operção norml, ms isto poderá usr s seguintes situções potenilmente perigoss, ou lgums dels: Os oupntes podem ser projetdos pr frente devido à inesperd perd de movimento pr frente e os pssgeiros lolizdos n dinteir do ro poderim ser lnçdos sore pro e tingidos pelos omponentes de propulsão ou d direção. O operdor pode perder o ontrole d potêni e d direção em mres rvios, orrentes fortes ou ventos intensos. O operdor pode perder o ontrole do ro durnte operção de trção. Dr nov prtid o motor por meio d hve de ignição ou otão de prtid pós um prd de emergêni sem primeiro girr hve de ignição pr posição DESLIGADA durnte pelo menos 30 segundos olorá o motor em funionmento, ms usrá presentção de ódigos de flh. A não ser em um situção potenilmente perigos, gire hve de ignição pr posição desligd (OFF) e gurde pelo menos 30 segundos ntes de ligr novmente o motor ou os motores. Se pós nov prtid estiverem sendo exiidos ódigos de flh, entre em ontto om su ofiin meâni utorizd Merury Diesel. Interruptor de desligmento por ord A finlidde do interruptor de desligmento por ord é desligr o motor qundo o operdor se move, fstndo-se d posição de operção (omo o ser ejetdo do ssento identlmente). RUN OFF - Interruptor de desligmento - Cord. - É preso o operdor Ejeções identis, omo queds n águ, podem onteer em: ros desportivos om ord ix; ros pr pes em águ doe; ros de lto desempenho; Ejeções identis podem oorrer, tmém, devido : prátis de operção indequds; sentr no ssento ou no ltrte em veloidde de plngem; permneer em pé durnte veloiddes de plngem; operr em veloidde de plngem em águs rss ou heis de ostáulos; 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 15

24 Seção 2 - Fmilirize-se om o seu onjunto de potêni Soltr o volnte de direção qundo este estiver puxndo em um direção. onsumo de álool ou drogs; mnors do ro em lt veloidde; A ord, normlmente, mede entre 122 e 152 m (4 e 5 ft) qundo estid, om um elemento em um extremidde feito pr ser inserido dentro do interruptor e um lç n outr extremidde pr ser pres o operdor. A ord é um espirl pr que fique tão urt qunto possível e pr diminuir possiilidde de fir pres em ojetos. O seu omprimento longdo foi feito pr minimizr proilidde de tivção identl no so de o operdor se mover dentro d áre próxim à posição norml do operdor. Se quiser diminuir o omprimento d ord, enrole- o redor do pulso ou d pern do operdor ou dê um nó n ord. A tivção do interruptor de desligmento por ord desligrá o motor imeditmente, ms o ro ontinurá se mover por um distâni que dependerá d veloidde e do ângulo de urv no momento do desligmento. Contudo, o ro não ompletrá um volt de 360 grus. Enqunto ontinur o seu movimento, o ro poderá usr ferimentos pessos que estejm em su trjetóri tão grves qunto se estivesse em funionmento. É ltmente reomendável que os outros oupntes d emrção sejm instruídos sore os proedimentos de prtid e operção orretos, so preisem operr o motor em um situção de emergêni (por exemplo, se o operdor for tirdo o mr identlmente).! ADVERTÊNCIA Se o operdor ir do ro, pre o motor imeditmente pr reduzir possiilidde de ferimentos grves ou morte devido um olisão om o ro. Conete sempre dequdmente, por um ord, o operdor o interruptor de desligmento. O ionmento identl ou não intenionl do interruptor durnte operção norml tmém pode oorrer. Isso pode usr qulquer um ds situções potenilmente perigoss desrits seguir (ou tods els): Os oupntes podem ser rremessdos pr frente devido à inéri do movimento, um preoupção prtiulr pr pssgeiros lolizdos n dinteir do ro que poderim ser lnçdos à águ e posteriormente tingidos pelos omponentes de propulsão ou d direção. Perd de potêni e de ontrole direionl em mres rvios, orrentes ou ventos fortes. Perd de ontrole enqunto o ro estiver sendo movido té do.! ADVERTÊNCIA Evite ferimentos grves ou morte usdos por forçs de deselerção resultntes d tivção identl ou não intenionl do interruptor de desligmento. O operdor do ro nun deve deixr estção de operção sem ntes soltr ord do interruptor de desligmento de si. Sorerg do pinel d interfe do ro (VIP) Um pinel de interfe do ro (VIP) normlmente é montdo no omprtimento do motor. O VIP ontém disjuntores que judm proteger fição do sistem. d - Disjuntor prinipl (25 A) - Disjuntor de dignóstio do VIP (10 A) - Disjuntor do leme (10 A) d - Disjuntor do ro/sim (10 A) e - Disjuntor d engrengem (15 A) e Prtid e desligmento dos motores Seu onjunto de potêni Zeus é equipdo om o sistem SmrtStrt, que inlui um otão lig/deslig pr uso em so de emergêni e é montdo remotmente no pinel de interfe do ro (vessel interfe pnel, VIP). Gerlmente, o VIP está no omprtimento do motor. Em ondições normis, dê prtid e pre o motor pelo leme usndo o otão de prtid/prd do sistem "SmrtStrt". AVISO As oms de águ do mr de ros equipdos om uniddes de trção pod Zeus podem ser dnifids pelo exesso de erção do espe devido o fluxo de águ indequdo. Pr grntir o fluxo de águ dequdo ns entrds de águ do mr, ertifique-se de que o ro estej nvegndo ntes de ultrpssr 1500 RPMs. Págin M por OUTUBRO 2012

25 Prtid de um motor por meio d hve SmrtStrt no VIP Seção 2 - Fmilirize-se om o seu onjunto de potêni Voê pode desejr dr prtid em um motor prtir do omprtimento do motor ou, so determinds irunstânis, tlvez não sej possível que os sistems de ontrole do motor onsigm dr, utomtimente, prtid em um motor. É possível dr prtid nos motores por meio d hve "SMARTSTART" (prtid/prd) no VIP de d motor. 1. Fç s verifições e exeute os pssos listdos no mnul de operção e mnutenção do motor disponível pr este grupo. NOTA: Alguns ros não são equipdos om um válvul de fundo de retorno de águ do mr. 2. Ar válvul de fundo de retorno d águ do mr, se instld. Gire lvn n direção indid pel set. Tmp d unidde de trção removid pr mior lrez - Alvn n posição ert - Válvul de fundo de retorno (pel ord for) de águ do mr, se instld Ar válvul de fundo pr entrd d águ do mr. Gire lvn n direção indid pel set. Válvul típi de fundo de entrd orientção omordo (similr estiordo) - Válvul de fundo pr entrd de águ do mr - Alvn n posição ert - Posição nterior (fehd) 4. Ar válvul de fundo, so instld, pr d equipmento essório. NOTA: Qundo hve de ignição estiver n posição ligd, s luzes do LED de ponto morto se endem no teldo (trkpd) do ERC e pism se s lvns não estiverem em ponto morto. Antes de ligr os motores, s lvns ERC devem estr n posição neutr. 5. No leme pdrão tivo, desloque s lvns ERC pr posição de ponto morto. NOTA: Se s hves de ignição não estiverem no leme, pergunte o revendedor onde estão lolizds. 6. Gire hve pr posição ligd pr d motor que estej sendo ligdo. 7. Verifique se é seguro dr prtid nos motores. 8. No omprtimento dos motores, lolize o VIP de d motor. IMPORTANTE: O interruptor de prtid/prd ou "SMARTSTART" em um VIP ligrá o motor orrespondente independentemente de qul estção de leme está tiv ou qul esteve tiv nteriormente. 9. Dentro do VIP pr instlções tripls ou quádrupls, vire o interruptor seletor do motor pr o motor ou motores desejdos M por OUTUBRO 2012 Págin 17

26 Seção 2 - Fmilirize-se om o seu onjunto de potêni 10. Pressione e solte o interruptor de prtid/prd ou o interruptor verde "SMARTSTART" (prtid/prd) no VIP orrespondente o motor que está sendo ligdo. O sistem de ontrole ontrol utomtimente o motor de rrnque pr que prtid sej em-suedid. - Interruptor "E-STOP" (desligmento de emergêni) somente pr desligmentos de emergêni - Interruptor "PARTIDA/PARADA" PORT ENGINE CENTER ENGINE STBD ENGINE START/STOP VIP SmrtCrft 3.0 típio pr triplos - Interruptor seletor do motor - Interruptor de prtid/prd - VIP PORT ENGINE PORT CENTER ENGINE START/STOP STBD CENTER ENGINE STBD ENGINE START/STOP d e VIP SmrtCrft 3.0 típio pr quádruplos - Interruptor seletor do motor (omordo e entro de omordo) - Interruptor de prtid/prd - VIP d - Interruptor seletor do motor (entro de estiordo e estiordo) e - Interruptor de prtid/prd IMPORTANTE: Pr evitr erção de espe exessiv de águ do mr, não opere os motores im de 1500 RPMs qundo o ro estiver em repouso. 11. Se preisr operr os motores im de 1500 RPMs, oloque o ro em nvegção om um pequen elerção té que os motores tinjm tempertur norml de operção. Prd de um motor por meio d hve SmrtStrt no VIP É reomendável prr um motor prtir do omprtimento do motor ou, so determinds irunstânis, tlvez não sej possível que o sistem de ontrole do motor onsig, utomtimente, prr um motor. É possível prr os motores por meio d hve "SMARTSTART" (prtid/prd) no VIP de d motor. 1. Mov s lvns do ERC pr posição de ponto morto. 2. Lolize o VIP pr d motor no omprtimento dos motores. Págin M por OUTUBRO 2012

27 Seção 2 - Fmilirize-se om o seu onjunto de potêni 3. Dentro do VIP pr instlções tripls ou quádrupls, vire o interruptor seletor do motor pr o motor ou motores desejdos. 4. Qundo os motores estiverem funionndo, pressione e solte o interruptor de prtid/prd ou o interruptor verde "SMARTSTART" (prtid/prd) pr d motor que desej prr. - Interruptor "E-STOP" (desligmento de emergêni) somente pr desligmentos de emergêni - Interruptor "PARTIDA/PARADA" PORT ENGINE CENTER ENGINE STBD ENGINE START/STOP VIP SmrtCrft 3.0 típio pr triplos - Interruptor seletor do motor - Interruptor de prtid/prd - VIP PORT ENGINE PORT CENTER ENGINE START/STOP STBD CENTER ENGINE STBD ENGINE START/STOP d e VIP SmrtCrft 3.0 típio pr quádruplos - Interruptor seletor do motor (omordo e entro de omordo) - Interruptor de prtid/prd - VIP d - Interruptor seletor do motor (entro de estiordo e estiordo) e - Interruptor de prtid/prd 5. Gire hve d ignição pr posição off (desligd) pr d motor prdo. 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 19

28 Seção 2 - Fmilirize-se om o seu onjunto de potêni 6. Fehe válvul de fundo de retorno d águ do mr, se instld. Gire lvn n direção indid pel set. Tmp d unidde de trção removid pr mior lrez - Válvul de fundo de retorno de águ do mr, se instld - Alvn n posição fehd Fehe válvul de fundo pr entrd d águ do mr. Gire lvn n direção indid pel set. Válvul típi de fundo de entrd orientção omordo (similr estiordo) - Válvul de fundo pr entrd de águ do mr - Posição nterior (ert) - Alvn n posição fehd Comndo eletrônio do leme A direção do leme eletrônio funion usndo os sinis elétrios. Um motor elétrio ontroldo por omputdor e fixdo no volnte simul o retorno d resistêni enontrdo nos sistems de direção hidráuli. Reomendmos que voê dirij om uiddo (em um áre ert e sem ostruções ou outro tipo de tráfego mrítimo) té que estej fmilirizdo om s rterístis de mnuseio do sistem e om respost do ro. A direção eletrôni pode forneer um respost mis rápid d direção do que o esperdo. Pr onfirmr mplitude d direção de trv trv, ertifique-se de que hve de prtid do motor de estiordo estej ligd. Os motores não preism estr funionndo. Gire direção pr estiordo té que el pre n trv estiordo ou no tente fixo. O tente fixo é justdo eletronimente pelo motor elétrio fixdo no volnte. Comee virndo o volnte pr omordo e onte o número de rotções té que ele pre n trv de omordo. O número de rotções do volnte que voê ontou deslo os ionmentos do ângulo máximo de estiordo té o ângulo máximo de omordo e o entro é em 0º (posição ret pr frente). Os ângulos máximos de direção são ontroldos pel identidde do ro desenvolvid pelo frinte do ionmento e OEM do ro. Em erts situções os tentes finis eletrônios do volnte não são sentidos. A usêni de tentes finis oserváveis não fet direção. As uniddes de trção prrão qundo tingirem posição de giro máximo em d trv. A usêni de tentes finis pode ser o resultdo d hve de prtid de estiordo n posição desligd, ix tensão d teri de estiordo ou um flh do motor do volnte. A identidde de seu ro, onforme desenvolvid pelo frinte em preri om o frinte do ionmento, determin o número de volts de trv trv. Normlmente, isso é proximdmente 2-3/4 de rotção do volnte. O OEM pode soliitr onfigurções diferentes de trv trv pr outros modelos de ro. Controle remoto eletrônio (ERC) de lvn dupl Funções e operção Operção A lvn do ontrole remoto eletrônio (ERC) ontrol operção d mudnç de mrhs e d elerção. A prtir do ponto morto, empurre lvn de ontrole pr frente té o primeiro tente pr engtr um mrh de deslomento pr frente. Continue empurrr lvn de ontrole pr frente pr umentr veloidde. Pr diminuir veloidde e, finlmente, prr, puxe lvn de ontrole té posição ponto morto. Pr engtr mrh à ré, puxe lvn de ontrole pr trás, prtir de ponto morto, té o primeiro tente. Pr diminuir veloidde, ontinue puxr lvn do ontrole pr trás Págin M por OUTUBRO 2012

29 Seção 2 - Fmilirize-se om o seu onjunto de potêni NOTA: Em ertos modos posição ds mrhs é determind pel posição ds válvuls de mudnç de mrh n trnsmissão e não pel posição ds lvns do ERC. Se estiver usndo o joystik ou enqunto em Skyhook, o omputdor engt ou desengt trnsmissão, mesmo que s lvns estejm em ponto morto. - Ponto morto - Avnço - Ré d - Pro do ro d A quntidde de forç neessári pr mover s lvns do ERC e desloá-ls de um tente outro é justável, pr judr evitr movimentos indesejdos d lvn em águs gitds. Pr justr tensão de retenção d lvn do ERC: 1. Remov oertur lterl d lvn que neessit de juste. 2. Gire o prfuso de juste no sentido horário pr umentr tensão n lvn de ontrole, e no nti-horário pr diminuí-l. 3. Ajuste onforme desejdo. Pr justr tensão d lvn do ERC: 1. Remov oertur lterl d lvn que neessit de juste. 2. Gire o prfuso de juste no sentido horário pr umentr tensão n lvn de ontrole e no nti-horário pr diminuí-l. 3. Ajuste onforme desejdo. Coertur lterl de estiordo removid, semelhnte à de omordo - Prfuso de juste d tensão de retenção, identifido omo "De" - Prfuso de juste d tensão d lvn, identifido omo "Fr" Operção ási do joystik O joystik proporion um ontrole preiso, intuitivo do seu ro durnte mnors ix veloidde e de trção. O joystik trduz os seus movimentos em movimentos similres no ro. Neste modo, veloidde do motor é limitd pr evitr um dinâmi ineitável do ro durnte mnors. A operção om o uso do joystik é fáil de prender, ms reomendmos que voê pilote o ro do modo trdiionl té poder pssr um tempo em um áre livre de ostruções e tráfego pr prender omo seu ro responde os omndos. Além disso, reomendmos que, de tempos em tempos, voê prtique s mnors do modo trdiionl pr mnter sus hiliddes de trção trdiionl so, temporrimente, o ontrole por joystik não estej disponível. Proteção ontr sorerg do sistem elétrio Em so de um sorerg oorrerá o rompimento (ertur) de um fusível ou disjuntor. Enontre e orrij us d sorerg elétri ntes de sustituir o fusível ou ntes de rmr novmente o disjuntor M por OUTUBRO 2012 Págin 21

30 Seção 2 - Fmilirize-se om o seu onjunto de potêni NOTA: Em so de emergêni, qundo o motor tiver de ser operdo e us d sorerg elétri não puder ser lolizd e orrigid, desligue ou desonete todos os essórios onetdos o motor e os os dos instrumentos. Rerme o disjuntor ou sustitu o fusível. Se o iruito ontinur erto, isso signifi que sorerg elétri não foi elimind. Entre em ontto om um ofiin de repros utorizd Merury Diesel pr que verifique o sistem elétrio. Os disjuntores e fusíveis protegem o sistem elétrio omo indido. Os disjuntores e fusíveis fim lolizdos em diversos pontos no ro. Peç o onessionário que lhe mostre os lois e identifição dos iruitos que protegem. Depois de enontrr e orrigir us d sorerg rme novmente o disjuntor pressionndo o otão de nelmento (reset). Proteção ontr sorerg do pinel de interfe d emrção (VIP) O Pinel de Interfe d Emrção (VIP) ontém ino disjuntores que judm proteger fição d trnsmissão, fição do motor, fição do sensor do ro e fição do leme. NOTA: Um VIP pr d motor loliz-se no omprtimento do motor. d - Disjuntor prinipl (25 A) - Disjuntor de dignóstio do VIP (10 A) - Disjuntor do leme (10 A) d - Disjuntor do ro/sim (10 A) e - Disjuntor d engrengem (15 A) e Item Clssifição do disjuntor Proteção Lolizção no VIP 25 A Ciruito prinipl Inferior esquerd 5 A Dignóstio do VIP Superior esquerd 10 A Leme Superior direit d 10 A SIM/ro Inferior direit e 15 A Mrh Centro inferior Proteção de sorerg pr o sistem reguldor de voltgem de CC, se equipdo Se o ro estiver equipdo om sistem de 24 volts, um reguldor de voltgem de CC é neessário pr forneer 12 volts pr o VIP e outros iruitos de 12 volts. O frinte do onjunto de potêni fornee um fusível de proteção pr o sistem reguldor de voltgem de volts CC, se equipdo. O fusível em linh fi lolizdo no o de ligções elétris entre o reguldor de voltgem e o sistem de teri de 24 volts. O fusível protege s ligções elétris e o reguldor ontr sorergs. NOTA: Pr oter informções diionis sore o interruptor lig/deslig do reguldor de voltgem de CC, onsulte o mnul do proprietário. BATTERY + d e BATTERY Reguldor de voltgem CC - Co de ligções elétris do reguldor de voltgem CC - Fusível e port-fusíveis de 30 mpères d - Ao positivo do sistem de teri de 24 volts (+) e - Pr o negtivo ( ) do sistem de teri de 24 volts Págin M por OUTUBRO 2012

31 Seção 2 - Fmilirize-se om o seu onjunto de potêni O frinte do ro pode sustituir o fusível e o port-fusíveis por um disjuntor. Peç pr que o frinte do seu ro ou o onessionário lhe mostre lolizção dos fusíveis (ou disjuntor) e pr identifiá-los. Proteção de outros iruitos ontr sorerg É possível hver outros iruitos protegidos por disjuntores ou fusíveis instldos pelo frinte do ro, om outr prêni e lolizção. Por exemplo, o sistem MerCthode tem um fusível em linh de 20 A no o que vi do terminl positivo (+) d teri o terminl positivo (+) no ontroldor. Se o fusível estiver defeituoso (erto), o sistem não funionrá, resultndo n perd de proteção ontr orrosão. Peç o onessionário que lhe mostre lolizção do fusível e os proedimentos de repro. Pergunte o seu onessionário lolizção e peç instruções de operção de todos os dispositivos de proteção ontr sorergs. Monitor e isoldor glvânio Esses onjuntos de potêni presentm ânodos omo equipmentos pdrão pr protegê-los ontr orrosão glvâni so ondições moderds. O sistem MerCthode e os ânodos de srifíio forneem proteção ontr orrosão so uso norml. Os ros onetdos um fonte de limentção CA em terr requerem proteção extr pr evitr que orrentes glvânis destrutivs de ix tensão pssem pelo fio terr d fonte de limentção em terr. Um Isoldor glvânio Quiksilver ou dispositivo de isolmento equivlente pode ser instldo pr loquer pssgem desss orrentes e forneer um minho té terr pr orrentes flhs (hoques) perigoss. IMPORTANTE: Se fonte de limentção em terr CA não for isold do terr do ro, o Sistem MerCthode e os nodos podem não onseguir onter o potenil umento de orrosão glvâni. O kit do isoldor glvânio Quiksilver inlui um monitor udiovisul pr lertá-lo sore s flhs que oorrem. O monitor é um dispositivo ontroldo por miroproessdor e de estdo sólido que test integridde do isoldor glvânio Quiksilver e o fio de terrmento de segurnç. O dispositivo tmém fornee orrente impress pr unidde de trção pr uxilir n proteção ontr orrosão.! ADVERTÊNCIA A limentção CA de terr onduzid indequdmente é um riso de hoque elétrio que pode osionr dnos ou lesões. O fio verde do ondutor do terrmento de CA deve ser onetdo entre o sistem elétrio dos ros e onexão d limentção de terr, fim de forneer um minho pr orrente de flh e uxilir o MerCthode n prevenção ontr orrosão glvâni nos omponentes de ionmento. Instle um isoldor glvânio ou dispositivo de isolmento similr no sistem de limentção CA de terr no ro. Consulte um eletriist mrítimo qulifido pr oter mis informções. IMPORTANTE: Se o lrme do isoldor glvânio sor e o monitor não responder o otão de resteleimento, pode estr presente um orrente CA flh, e o iruito ondutor de terrmento de segurnç d limentção de terr pode ser um iruito erto. Desonete limentção de terr imeditmente. Consulte Solução de prolems Isoldor glvânio pr oter um explição ds ondições ou flhs que podem ser exiids pelo monitor Condições do monitor do isoldor glvânio NOTA: Se o seu ro for equipdo om um isoldor glvânio de um frinte que não Quiksilver, onsulte s informções forneids pelo frinte. 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 23

32 Seção 2 - Fmilirize-se om o seu onjunto de potêni Nots: Págin M por OUTUBRO 2012

33 Índie Seção 3 - N águ Seção 3 - N águ Sugestões pr nvegr om segurnç Fique tento qunto o envenenmento por monóxido de rono Bo ventilção Ventilção defiiente Operção ási do ro Armzenmento em Clims Frios (Temperturs de Congelmento), pr Estção ou por Períodos Prolongdos Tmpão de Drengem e Bom do Porão d Pop...28 Proteção de pessos n águ Com o ro em movimento Enqunto o ro estiver prdo Pr Sltr Onds e Mrouços: Colisão om perigos sumersos Proteção d unidde de trção Zeus ontr imptos...30 Alinhmento d unidde de trção Zeus Condições que fetm operção do ro Distriuição de peso (pssgeiros e ggens) dentro do ro Prte inferior do ro Cvitção Ventilção Esolh d Hélie Introdução Período de mimento (om engrengens novs ou de sustituição) Interruptor do reguldor de voltgem CC, se equipdo...32 Prtid e desligmento dos motores Prtid de um motor por meio d hve SmrtStrt no VIP Prd de um motor por meio d hve SmrtStrt no VIP Mnors trdiionis om direção e propulsão...36 Pr mnorr o ro pr frente Pr guinr o ro em urvs fehds ix veloidde Pr girr o ro sore o próprio eixo ixs veloiddes Mnors om o joystik Compensdores Controle utomátio Controle mnul Uso do deslomento dos ompensdores Reursos do sistem digitl espeil de elerção e de mudnç de mrhs (DTS) Respost de nvegção em mrh lent de pes e em elerção Atrção Somente Aelerção Operção om um úni lvn (Alvn 1) Sinronizção dos motores Controle Cruise (Cruzeiro) Trnsferêni de leme Soliitção de trnsferêni do leme Trnsferêni do leme e Preision Pilot Piloto de preisão Reursos do trkpd do Preision Pilot (Piloto de preisão) Informções geris Stndy (Esper) Luzes indidors de Stndy (Esper) e de Ative (Ativo) Íone de Power (Aionmento) Skyhook (se equipdo) Engte (ionmento) d função Skyhook Como destivr (desengtr) função Skyhook Rumo utomátio Aionmento do rumo utomátio Ajuste de urso por meio dos otões de giro ou do joystik Pr retornr um rumo Destivção do Auto Heding (rumo utomátio) Botão Response (Respost) Trk Wypoint...55 Aionmento do modo Trk Wypoint Destivção do modo Trk Wypoint Botões Turn ou joystik em modo Trk Wypoint Botão Auto Heding em modo Trk Reonheimento de um vird durnte proximção um ponto de referêni Sequêni de pontos de destino Operções eventuis Direção Método lterntivo de emergêni Operção somente om o motor de omordo Engte de mrh proedimento de emergêni...60 Direção e ompensção Cnelmento mnul Proedimento pr um válvul de ontrole d direção emperrd Proedimento pr um válvul de ontrole do ompensdor emperrd Finl d Verifição d Primeir Tempord M por OUTUBRO 2012 Págin 25

34 Seção 3 - N águ Sugestões pr nvegr om segurnç Com o ojetivo de proveitr om segurnç s vis quátis, fmilirize-se om s regulmentções e restrições lois, governmentis e de nvegção e dote tmém s seguintes reomendções. A Merury Mrine reomend enftimente que todos os operdores de ros motor onlum o urso de segurnç em ros. Nos E.U.A., os ursos são ofereidos pel Gurd Costeir dos E.U.A., Esqudrão de Potêni, Cruz Vermelh e deprtmento governmentl responsável por Nvegção. As onsults podem ser feits o Centro de Pesquis de Segurnç de Bros (www.usgoting.org/) ou à Bot U.S. Foundtion (www.otus.om/ourseline/). Conheç e oedeç tods s regrs e legislções náutis ds vis quátis. Fç s verifições de segurnç e mnutenção neessáris. Sig o ronogrm de mnutenção regulr e ertifique-se de que todos os repros form feitos orretmente. Verifique o equipmento de segurnç ordo. Eis lgums sugestões pr os tipos de equipmento de segurnç que devem estr disponíveis ordo: Extintores de inêndio provdos Rod de pás ou remos Dispositivos de sinlizção: lntern, foguetes ou sinlizdores, ndeirs e pito ou uzin Rádio trnsistor Ferrments neessáris pr pequenos repros Kit de primeiros soorros e instruções Ânor e linh de ânor extr Reipientes de rmzenmento à prov d'águ Bom mnul de porão e ujões de drengem soresslentes Equipmentos operionis, teris, lâmpds e fusíveis soresslentes Águ potável Bússol e mp ou rt mrítim d áre Oserve os sinis de lterção no tempo e evite nvegr om tempo ruim e mr revolto. Dig lguém pr onde voê está indo e qundo esper retornr. Pr permitir que pssgeiros sum ordo. Desligue o motor sempre que os pssgeiros suirem ordo, deserem do ro ou estiverem n prte posterior d pop. Mudr unidde de trção pr ponto morto não é sufiiente. Utilize equipmentos slv-vids.. As leis federis dos EUA exigem que hj um olete slv-vids (essório de flutução individul) provdo pel Gurd Costeir dos EUA, do tipo que pode ser vestido, do tmnho erto e prontmente essível pr d indivíduo ordo, lém de um oi ou lmofd flutunte que poss ser jogd n águ. Reomendmos enftimente que todos os pssgeiros usem oletes slv-vids o tempo todo durnte permnêni no ro. Prepre outrs pessos pr operr o ro. Instru pelo menos um pesso ordo sore s regrs ásis de prtid, operção do motor e do mnejo do ro, pr o so de o piloto fir inpitdo ou ir do ro. Não exed pidde de rg do ro. Em su miori, os ros são lssifidos e ertifidos pr um pidde máxim de rg (peso). Consulte pl de pidde do ro. Conheç s limitções de operção e de rg do ro. Si se o ro fluturá se estiver totlmente heio de águ. Qundo tiver dúvids, ontte o seu onessionário utorizdo Merury Mrine ou o frinte do ro. Verifique se todos os oupntes do ro estão devidmente sentdos. Não permit que ninguém se sente nem sej trnsportdo em qulquer prte do ro que não se destine esse fim. Isso inlui os enostos dos ssentos, ltrte, gio, pro, onvés, ssentos elevdos em pedestl, qulquer ssento rottivo de pesri, ou em qulquer lol em que um elerção inesperd, prd repentin, perd de ontrole inesperd do ro ou movimento repentino poss lnçr pesso à águ ou derruá-l dentro do ro. Verifique se existe um ssento dequdo pr d pssgeiro e se estão sentdos neles ntes de o ro omeçr se mover. Jmis use emrção so influêni de álool ou drogs. É lei. O onsumo de álool ou drogs ompromete o seu julgmento e reduz onsidervelmente o seu tempo de reção. Conheç áre do ro e evite lois perigosos. Estej sempre lert. O operdor do ro é o responsável, por lei, pel ondução do ro e deve mnter onstnte vigilâni uditiv e visul d região. O operdor deve ter um visão desimpedid, priniplmente à frente. Nem os pssgeiros, nem rg, nem os ssentos de pesri podem loquer visão do operdor enqunto o ro estiver funionndo em veloidde superior à mrh lent ou de trnsição de plngem. Fique tento existêni de outrs pessos n áre, mntenh seus olhos n águ e lemre-se de que o seu ro produz onds. Nun dirij o ro logo trás de lguém que estej prtindo esqui quátio, pois o esquidor pode ir. Como um exemplo, se o seu ro estiver se deslondo 40 km/h (25 mph) lnçrá um esquidor ído que estv 61 m (200 ft) à frente do ro em 5 segundos. Págin M por OUTUBRO 2012

35 Seção 3 - N águ Estej lert esquidores que tenhm ído Ao utilizr seu ro pr prtir esqui quátio ou tividdes similres, sempre mntenh o esquidor ído no ldo do operdor do ro enqunto retorn pr usá-lo. O operdor deve mnter o esquidor que iu n águ em seu mpo de visão e nun deve mnorr em mrh à ré pr resgtr pesso que está n águ. Informe identes. Os operdores de ro devem, por exigêni legl, notifir oorrêni de identes de nvegção às utoriddes mrítims qundo seus ros se envolverem em ertos tipos de identes de nvegção. É neessário notifir oorrêni de um idente de nvegção qundo: 1) oorrer morte ou houver proilidde de morte, 2) oorrer ferimentos que requeirm tenção médi lém de primeiros soorros, 3) oorrer dnos nos ros ou outrs proprieddes em que o vlor dos dnos exed $500,00 ou 4) oorrer perd totl do ro. Proure ssistêni ds utoriddes lois. Fique tento qunto o envenenmento por monóxido de rono O monóxido de rono está presente n fumç de espe de todos os motores de omustão intern, inlusive motores de pop, uniddes de trção de pop e internos que impelem os ros, em omo os gerdores que forneem energi vários essórios do ro. O monóxido de rono é um gás ftl inodoro, inolor e insípido. Os primeiros sintoms de envenenmento por monóxido de rono, que não devem ser onfundidos om enjoo ou intoxição, inluem dor de eç, vertigem, sonolêni e náuse.! ADVERTÊNCIA O envenenmento por monóxido de rono pode deixr um pesso inonsiente, usr dnos ereris ou morte. Qundo prdo ou durnte nvegção, mntenh o ro em ventildo e evite exposições prolongds o monóxido de rono. Bo ventilção Ventile áre dos pssgeiros, r s ortins lteris ou esotilhs pr remover os gses. Exemplo de fluxo de r desejável no ro m Ventilção defiiente So erts ondições, mrotes ou ines do piloto permnentemente fehdos ou fehdos om lon e ventilção insufiiente podem trir monóxido de rono. Instle um ou mis detetores de monóxido de rono no ro. Emor oorrêni sej rr, em um di muito lmo, nddores e pssgeiros em um áre ert de um ro estiondo que ontenh ou que estej perto de um motor em funionmento podem estr expostos um nível perigoso de monóxido de rono. 1. Exemplos de ventilção defiiente om o ro prdo: m Operção do motor qundo o ro está trdo em um espço onfindo - Atrr próximo outro ro que estej om o motor em funionmento 2. Exemplos de ventilção defiiente om o ro em movimento: m Operção do ro om o ângulo de ompensção d pro muito lto - Operção do ro sem esotilhs dinteirs erts (efeito minhonete) 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 27

36 Seção 3 - N águ Operção ási do ro Armzenmento em Clims Frios (Temperturs de Congelmento), pr Estção ou por Períodos Prolongdos IMPORTANTE: A Merury Mrine reomend enftimente que este serviço sej relizdo por um ofiin meâni utorizd d Merury Diesel. Dnos usdos por ongelmento não são oertos pel Grntid Limitd d Merury Mrine. AVISO A águ umuld dentro d seção de águ slgd do sistem de rrefeimento pode usr dnos por orrosão ou por ongelmento. Drene seção de águ slgd do sistem de rrefeimento imeditmente pós um operção ou ntes de qulquer período de rmzenmento durnte o período de temperturs de ongelmento. Se o ro estiver n águ, mntenh válvul do fundo fehd té o motor ser ligdo novmente, pr evitr que águ retorne o sistem de rrefeimento. Se o ro não estiver equipdo om um válvul de fundo, deixe mngueir de entrd de águ desonetd e tpd. NOTA: Como um medid de preução, onete um etiquet n hve de ignição ou no volnte d direção do ro pr lemrr o operdor de rir válvul de fundo e voltr onetr mngueir de entrd de águ ntes de ligr o motor. Um ro é onsiderdo em rmzenmento sempre que não estiver em funionmento. A quntidde de tempo que o onjunto de potêni não é operdo pode ser um urto período de tempo, tl omo um di, durnte noite, um estção do no ou por períodos de tempo prolongdos. Certs preuções e proedimentos devem ser oservdos pr proteger o onjunto de potêni de dnos usdos por ongelmento, orrosão ou os dois tipos de dnos durnte o rmzenmento. Dnos por ongelmento podem onteer qundo águ umuld no sistem de rrefeimento de águ slgd ongel. Por exemplo, depois de operr o ro, exposição temperturs de ongelmento, mesmo que por períodos urtos de tempo, pode produzir dnos usdos por ongelmento. Dnos por orrosão são o resultdo de águ slgd, poluíd ou águ om lto teor de mineris umuld no sistem de rrefeimento de águ do mr. A águ slgd não deve permneer no sistem de rrefeimento do motor, mesmo que por urtos períodos de tempo; drene e lve o sistem de rrefeimento de águ do mr depois de d utilizção. Funionmento em lim frio refere-se o funionmento do ro sempre que houver possiilidde de oorrer temperturs ongelntes. D mesm form, rmzenmento em tempo frio (temperturs de ongelmento) se refere qundo o ro não está sendo operdo e existe possiilidde de oorrer temperturs de ongelmento. Em tis sos, seção de águ do mr do sistem de rrefeimento deve ser ompletmente drend logo depois d operção. Armzenmento szonl refere-se à não operção do ro por um mês ou mis. A extensão do tempo vri dependendo d lolizção geográfi do ro rmzendo. As preuções e proedimentos de rmzenmento pr estção inluem todos os pssos pr rmzenmento em tempo frio (temperturs de ongelmento) e lguns pssos diionis que devem ser relizdos qundo o rmzenmento for durr mis do que o urto período de tempo de rmzenmento em tempo frio (tempertur de ongelmento). Armzenmento estendido signifi um rmzenmento por um período que pode durr váris estções ou mis. As preuções e proedimentos pr rmzenmento prolongdo inluem todos os pssos pr rmzenmento em tempo frio (tempertur de ongelmento) e rmzenmento pr estção mis lguns pssos diionis. Consulte os proedimentos espeífios nest seção reliondos às ondições e durção do rmzenmento pr su plição. Tmpão de Drengem e Bom do Porão d Pop O omprtimento do motor de seu ro é um lugr nturl pr que águ se umule. Por isso, os ros são, normlmente, equipdos om um ujão de drengem ou om um ujão de drengem e um om de porão. Instle o ujão de drengem e verifique operção d om de porão, so instld, ntes de olor o ro n águ. Verifique esses itens om regulridde pr que o nível de águ não tinj o grupo de potêni. Os omponentes do seu motor serão dnifidos se firem sumersos em águ. Dnos usdos por sumersão não são oertos pel Grntid Limitd d Merury Diesel. Págin M por OUTUBRO 2012

37 Seção 3 - N águ Proteção de pessos n águ Com o ro em movimento Pr um pesso em pé, dentro d águ, pode ser muito difíil se movimentr om rpidez pr evitr ser tingid por um ro que venh em su direção, mesmo que em ix veloidde Reduz veloidde e tenh sempre muito uiddo qundo estiver nvegndo num áre onde poss hver pessos n águ. Tods s vezes que um ro está em movimento (deslizndo sem ser plid potêni) em ponto morto/mrh lent, existe ind forç sufiiente d águ sore hélie pr fzer om que hélie gire. Est rotção d hélie em ponto morto pode usr ferimentos grves. Enqunto o ro estiver prdo! ADVERTÊNCIA Um hélie em rotção, um ro em movimento ou qulquer dispositivo sólido preso o ro podem usr ferimentos grves ou morte nddores. Sempre que lguém, n águ, estiver próximo do seu ro, pre o motor imeditmente. Antes de permitir que pessos ndem ou se proximem do seu ro, oloque lvn de mudnç de mrhs n posição de ponto morto e desligue os motores. Não permit que pessos ndem o redor do ro om ânor eletrôni Skyhook (Skyhook Eletroni Anhor) engrend. A ânor eletrôni Skyhook provo o ionmento dos motores e o giro ds hélies sem viso. O fto de os motores estrem em ponto morto não protege os nddores. Os nddores n áre ds hélies rrism-se ferimentos. Pr Sltr Onds e Mrouços:! ADVERTÊNCIA Sltr sore rists e vdos de onds pode usr ferimentos grves ou morte por us de oupntes que são lnçdos de um ldo outro dentro do ro ou pr for dele. Evite onds ou mrouços sempre que for possível. m Operr ros reretivos sore onds e mrouços é prte norml d nvegção. Contudo, qundo isso oorre om veloidde sufiiente pr forçr o so do ro, pril ou totlmente, pr for d águ surgem ertos perigos, espeilmente qundo o ro entr novmente n águ. A prinipl preoupção é mudnç de direção do ro enqunto estiver no meio do slto. Em tl situção terrissgem pode fzer o ro virr violentmente pr um nov direção. Tl mudnç entud n direção ou vird pode fzer om que os oupntes sejm rremessdos dos seus ssentos ou pr for do ro. 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 29

38 Seção 3 - N águ Colisão om perigos sumersos Sempre que estiver pilotndo um ro em áres de águ rs ou onde hj suspeit de existirem ostruções sumerss que poderim ser golpeds pelos omponentes de trção sumersos, tlão d quilh ou do fundo do ro, diminu veloidde e ontinue om muito uiddo IMPORTANTE: O ontrole d veloidde do ro é ois mis importnte que voê pode fzer pr judr diminuir possiilidde de ferimentos ou dnos resultntes do impto usdo pel tid em um ojeto flutunte ou sumerso. Nesss ondições, reduz o mínimo veloidde do ro. O que se segue são lguns exemplos do que pode onteer se um ro olidir om um ojeto flutunte ou sumerso: O ro pode mover-se pr um nov direção. Tl mudnç inesperd n direção ou urv pode fzer om que os oupntes sejm rremessdos dos seus ssentos ou pr for do ro. Um redução rápid n veloidde. Isto poderá fzer om que os oupntes sejm rremessdos pr frente e té mesmo pr for do ro. Dnos usdos os omponentes de propulsão sumersos, tlão d quilh ou o ro. Lemre-se de que um ds oiss mis importntes que voê pode fzer pr reduzir possiilidde de ferimentos ou dnos usdos por impto nesss situções é ontrolr veloidde do ro qundo estiver nvegndo em águs onde se se existirem ostáulos sumersos. Após olidir om um ojeto sumerso, desligue o motor logo que possível e verifique se não há omponentes querdos ou soltos no sistem de propulsão pr ver se há peçs solts ou querds, e tmém se não houve dnos o so. Se oorrer lgum dno ou se houver suspeit de que oorrerm dnos, o onjunto de potêni deve ser levdo um ofiin meâni utorizd Merury Diesel pr que poss ser inspeiondo ompletmente e pr que os repros neessários possm ser feitos. O ro deve ser inspeiondo qunto frturs no so, frturs no gio e infiltrção de águ.! ADVERTÊNCIA A operção de um ro ou motor om dnos por impto pode resultr em dnos o produto, ferimentos grves ou morte. Se emrção sofreu qulquer tipo de impto, leve- um onessionário Merury Mrine pr inspeção e repro do ro ou do grupo de potêni. A operção om os omponentes de propulsão sumersos ou prte inferior do ro dnifidos pode usr mis dnos às peçs do grupo de potêni ou fetr o ontrole do ro. Se for neessário ontinur operr o ro, tl deve ser feito em veloiddes em mis ixs. Proteção d unidde de trção Zeus ontr imptos IMPORTANTE: Emor o design d unidde Zeus proporione um pouo de proteção ontr imptos, nenhum design pode ssegurr em tods s ondições proteção totl ontr dnos por impto. A unidde Zeus tem um pouo de proteção ontr imptos ofereid pelo design, desde que unidde de trção sej montd em um túnel im do fundo do so. Se unidde ter um ojeto flutunte ou sumerso enqunto o ro estiver em movimento, o tlão d quilh é projetdo pr seprr-se, sorvendo um pouo do impto e possivelmente reduzindo os dnos às hélies e à prte mis ix e expost d unidde. Em sos extremos, ojetos grndes, fixos ou flutuntes tingidos pelo tlão d quilh e pel prte mis ix e expost d unidde podem usr o rompimento d su prte mis ix. Esse rompimento d prte mis ix d unidde é um rterísti do design pr proteger o so e o sistem de propulsão. NOTA: Se prte inferior d unidde se romper devido um impto grve, note imeditmente posição GPS, pr uxilir nos trlhos de reuperção. Se for possível reuperr s peçs dnifids d unidde de trção, devolv-s à su ofiin de repro utorizd Merury Diesel pr repro e reutilizção. No so de um impto omprovdo ou suspeitdo, se o ro não responder omo deveri ou se houver presenç de águ no reipiente de monitormento de lurifinte do âmio, mnde inspeionr o ro n ofiin de repros utorizd Merury Diesel mis próxim. Págin M por OUTUBRO 2012

39 Seção 3 - N águ A operção em mrh à ré proporion menor proteção ontr imptos. Tenh muito uiddo o operr em águs rss ou onde se si d existêni de ojetos sumersos. Tome muito uiddo pr evitr tingir ojetos sumersos enqunto estiver operndo em mrh à ré. Alinhmento d unidde de trção Zeus As uniddes de trção Zeus são linhds pelo frinte do ro e só devem ser justds por um ofiin de serviço e repros utorizd Merury Diesel. As uniddes de trção Zeus rejustm-se utomtimente ess lirção em d prtid. Em ondições de uso norml, os ionmentos não preism ser relinhdos. Condições que fetm operção do ro Distriuição de peso (pssgeiros e ggens) dentro do ro Mudr o peso pr trseir (pop): Fz pro pulr em águs gitds. Aument o riso d ond seguinte rreentr dentro do ro durnte síd do plneio. Pode fzer om que o ro pule demis. Mudr o peso pr frente (pro): Melhor filidde de plneio. Melhor nvegção em águs gitds. Em sos extremos, pode fzer o ro desvir de mneir desontrold (direionmento de pro) Prte inferior do ro Pr mnter veloidde máxim, prte inferior do ro deve estr: Limp, livre de rs e orgnismos mrinhos. Ret e lis no sentido longitudinl. Qundo o ro estiver trdo pode oorrer úmulo de vegetção mrinh. Ess vegetção deve ser removid ntes d operção, pois pode entupir s entrds e síds de águ e usr superqueimento do motor. Cvitção A vitção oorre qundo o fluxo de águ não pode seguir o ontorno de um ojeto sumerso que se moviment rpidmente, tl omo um ix de engrengens ou um hélie. A vitção ument veloidde d hélie ms, o mesmo tempo, diminui veloidde do ro. A vitção pode usr grve orrosão n superfíie d ix de engrengens ou n hélie. As uss omuns de vitção são: Algs e outros detritos enrosdos n hélie Lâmin d hélie entortd Rers levntds ou rests guds n hélie Ventilção A ventilção é usd pel introdução do r d superfíie ou de gses do sistem de espmento o redor d hélie, usndo elerção d hélie e redução d veloidde do ro. Bolhs de r tingem s lâmins d hélie e usm erosão n superfíie ds lâmins. Se voê permitir que isso ontinue, oorrerá flh (quer) ds pás d hélie. A ventilção exessiv gerlmente é usd por: Ausêni de um nel difusor n hélie. Um hélie ou ix de engrengens dnifid, o que permite que os gses do sistem de espmento sim entre hélie e ix de engrengens. Esolh d Hélie IMPORTANTE: As hélies instlds preism permitir que o motor tinj rotção nominl do motor (RPMs) om o ro totlmente rregdo e om todos os equipmentos ordo. Com o ro não totlmente rregdo os motores devem tingir veloidde nominl do motor (RPMs) om menos do que 100% d rg. Use o VesselView pr onfirmr s RPMs do motor e o perentul de rg. É de responsilidde do frinte do ro ou do revendedor equipr o grupo de potêni om s hélies proprids. Consulte n etiquet om ddos de informções do motor lolizd no motor veloidde nominl do motor (RPMs) espeifid. No mnul do proprietário há informções sore lolizção d etiquet de ddos do motor. Se rotção do motor em elerção máxim estiver ixo d rotção nominl, pr evitr perd de rendimento e possíveis dnos no motor, é neessário tror s hélies. Após seleção iniil d hélie, ertos prolems podem exigir um hélie om menor psso. Inluem: Operção om mior rg (pssgeiros ou equipmentos mis). Deslomento do entro de grvidde d emrção. Arésimo de torres ou toldos. Inrustções no so e no grupo de propulsão. 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 31

40 Seção 3 - N águ Alt tempertur miente. Operção em regiões elevds É responsilidde do proprietário ssegurr instlção ds hélies orrets por osião d entreg e su mnutenção durnte vid útil do ro. Há muits vriáveis envolvids no projeto de ros, por isso melhor hélie pr um ro espeífio só poderá ser determind por testes. Se o motor não onseguir tingir rotção nominl do motor (RPM), entre em ontto om o onstrutor ou vendedor do ro ou om um ofiin de repros utorizd Merury Diesel pr oter ssistêni qunto à seleção orret d hélie. No mnul de peçs d unidde de trção Zeus há um list de hélies pr unidde de trção Zeus. Pr onsultr unidde de trção Zeus, onsulte: Mnul de peçs Merury Introdução Período de mimento (om engrengens novs ou de sustituição) Sempre exeute os seguintes proedimentos em novs uniddes de trção. Esse proedimento de mimento permite o ssentmento dequdo ds engrengens d unidde de trção e omponentes reliondos, o que reduz signifitivmente possiilidde de prolems. Evite prtids em elerção máxim. Não opere em nenhum veloidde onstnte por períodos prolongdos. Não ultrpsse os 75% de elerção máxim durnte s primeirs ino hors. Durnte s ino hors seguintes, opere intermitentemente om elerção máxim. Durnte o mimento unidde de trção pod deve ser olod em mrh pr frente por, no mínimo, 10 vezes, so um regime de rotções moderdo pós d mudnç de mrh. Após s primeirs 25 hors e não mis do que 30 hors, troque o fluido e o filtro d trnsmissão, inluindo o fluido de trnsmissão existente n ix de olet, so instld. Após s primeirs 25 hors e não ultrpssndo 30 hors, troque o fluido d ix de âmio do ionmento por Lurifinte de engrengens de lto desempenho. Interruptor do reguldor de voltgem CC, se equipdo Se o ro estiver equipdo om um sistem de 24 volts, um reguldor de voltgem de CC é neessário pr forneer 12 volts pr o VIP e outros iruitos de 12 volts. Um interruptor é forneido pelo frinte do ro, pr permitir que o reguldor sej ligdo e desligdo. O interruptor fi em um iruito seprdo. Mover o interruptor pr posição ligd permitir pssgem de energi pr o VIP e outros iruitos de 12 V pr permitir que o ro sej ligdo. Desligr o reguldor de voltgem CC evit que o reguldor onsum energi qundo o ro não está sendo operdo. Peç o frinte do ro ou o onessionário pr lhe mostrr lolizção e identifir o interruptor do reguldor de voltgem CC. 1. Ligue o interruptor ntes de tentr ligr o motor. 2. Deixe o interruptor ligdo qundo o ro estiver funionndo. 3. Desligue o interruptor ligdo qundo o ro estiver não estiver funionndo. Prtid e desligmento dos motores Seu onjunto de potêni Zeus é equipdo om o sistem SmrtStrt, que inlui um otão lig/deslig pr uso em so de emergêni e é montdo remotmente no pinel de interfe do ro (vessel interfe pnel, VIP). Gerlmente, o VIP está no omprtimento do motor. Em ondições normis, dê prtid e pre o motor pelo leme usndo o otão de prtid/prd do sistem "SmrtStrt". AVISO As oms de águ do mr de ros equipdos om uniddes de trção pod Zeus podem ser dnifids pelo exesso de erção do espe devido o fluxo de águ indequdo. Pr grntir o fluxo de águ dequdo ns entrds de águ do mr, ertifique-se de que o ro estej nvegndo ntes de ultrpssr 1500 RPMs. Prtid de um motor por meio d hve SmrtStrt no VIP Voê pode desejr dr prtid em um motor prtir do omprtimento do motor ou, so determinds irunstânis, tlvez não sej possível que os sistems de ontrole do motor onsigm dr, utomtimente, prtid em um motor. É possível dr prtid nos motores por meio d hve "SMARTSTART" (prtid/prd) no VIP de d motor. 1. Fç s verifições e exeute os pssos listdos no mnul de operção e mnutenção do motor disponível pr este grupo. NOTA: Alguns ros não são equipdos om um válvul de fundo de retorno de águ do mr. Págin M por OUTUBRO 2012

41 Seção 3 - N águ 2. Ar válvul de fundo de retorno d águ do mr, se instld. Gire lvn n direção indid pel set. Tmp d unidde de trção removid pr mior lrez - Alvn n posição ert - Válvul de fundo de retorno (pel ord for) de águ do mr, se instld Ar válvul de fundo pr entrd d águ do mr. Gire lvn n direção indid pel set. Válvul típi de fundo de entrd orientção omordo (similr estiordo) - Válvul de fundo pr entrd de águ do mr - Alvn n posição ert - Posição nterior (fehd) 4. Ar válvul de fundo, so instld, pr d equipmento essório. NOTA: Qundo hve de ignição estiver n posição ligd, s luzes do LED de ponto morto se endem no teldo (trkpd) do ERC e pism se s lvns não estiverem em ponto morto. Antes de ligr os motores, s lvns ERC devem estr n posição neutr. 5. No leme pdrão tivo, desloque s lvns ERC pr posição de ponto morto. NOTA: Se s hves de ignição não estiverem no leme, pergunte o revendedor onde estão lolizds. 6. Gire hve pr posição ligd pr d motor que estej sendo ligdo. 7. Verifique se é seguro dr prtid nos motores. 8. No omprtimento dos motores, lolize o VIP de d motor. IMPORTANTE: O interruptor de prtid/prd ou "SMARTSTART" em um VIP ligrá o motor orrespondente independentemente de qul estção de leme está tiv ou qul esteve tiv nteriormente. 9. Dentro do VIP pr instlções tripls ou quádrupls, vire o interruptor seletor do motor pr o motor ou motores desejdos. 10. Pressione e solte o interruptor de prtid/prd ou o interruptor verde "SMARTSTART" (prtid/prd) no VIP orrespondente o motor que está sendo ligdo. O sistem de ontrole ontrol utomtimente o motor de rrnque pr que prtid sej em-suedid Interruptor "E-STOP" (desligmento de emergêni) somente pr desligmentos de emergêni - Interruptor "PARTIDA/PARADA" M por OUTUBRO 2012 Págin 33

42 Seção 3 - N águ PORT ENGINE CENTER ENGINE STBD ENGINE START/STOP VIP SmrtCrft 3.0 típio pr triplos - Interruptor seletor do motor - Interruptor de prtid/prd - VIP PORT ENGINE PORT CENTER ENGINE START/STOP STBD CENTER ENGINE STBD ENGINE START/STOP d e VIP SmrtCrft 3.0 típio pr quádruplos - Interruptor seletor do motor (omordo e entro de omordo) - Interruptor de prtid/prd - VIP d - Interruptor seletor do motor (entro de estiordo e estiordo) e - Interruptor de prtid/prd IMPORTANTE: Pr evitr erção de espe exessiv de águ do mr, não opere os motores im de 1500 RPMs qundo o ro estiver em repouso. 11. Se preisr operr os motores im de 1500 RPMs, oloque o ro em nvegção om um pequen elerção té que os motores tinjm tempertur norml de operção. Prd de um motor por meio d hve SmrtStrt no VIP É reomendável prr um motor prtir do omprtimento do motor ou, so determinds irunstânis, tlvez não sej possível que o sistem de ontrole do motor onsig, utomtimente, prr um motor. É possível prr os motores por meio d hve "SMARTSTART" (prtid/prd) no VIP de d motor. 1. Mov s lvns do ERC pr posição de ponto morto. 2. Lolize o VIP pr d motor no omprtimento dos motores. 3. Dentro do VIP pr instlções tripls ou quádrupls, vire o interruptor seletor do motor pr o motor ou motores desejdos. 4. Qundo os motores estiverem funionndo, pressione e solte o interruptor de prtid/prd ou o interruptor verde "SMARTSTART" (prtid/prd) pr d motor que desej prr. - Interruptor "E-STOP" (desligmento de emergêni) somente pr desligmentos de emergêni - Interruptor "PARTIDA/PARADA" Págin M por OUTUBRO 2012

43 Seção 3 - N águ PORT ENGINE CENTER ENGINE STBD ENGINE START/STOP VIP SmrtCrft 3.0 típio pr triplos - Interruptor seletor do motor - Interruptor de prtid/prd - VIP PORT ENGINE PORT CENTER ENGINE START/STOP STBD CENTER ENGINE STBD ENGINE START/STOP d e VIP SmrtCrft 3.0 típio pr quádruplos - Interruptor seletor do motor (omordo e entro de omordo) - Interruptor de prtid/prd - VIP d - Interruptor seletor do motor (entro de estiordo e estiordo) e - Interruptor de prtid/prd 5. Gire hve d ignição pr posição off (desligd) pr d motor prdo. 6. Fehe válvul de fundo de retorno d águ do mr, se instld. Gire lvn n direção indid pel set. Tmp d unidde de trção removid pr mior lrez - Válvul de fundo de retorno de águ do mr, se instld - Alvn n posição fehd M por OUTUBRO 2012 Págin 35

44 Seção 3 - N águ 7. Fehe válvul de fundo pr entrd d águ do mr. Gire lvn n direção indid pel set. Válvul típi de fundo de entrd orientção omordo (similr estiordo) - Válvul de fundo pr entrd de águ do mr - Posição nterior (ert) - Alvn n posição fehd Mnors trdiionis om direção e propulsão Voê pode mnorr su emrção equipd om um unidde de trção Zeus prtimente d mesm form que um ro trdiionl om motor de entro. No entnto, unidde de trção Zeus ument pidde de mnors d su emrção em veloiddes ixs e de plneio. Em veloiddes ixs, unidde de trção é pz de direionr propulsão pr produzir melhor respost de vird d emrção. A unidde de trção Zeus tem o reurso de hélies em sentidos de rotção opostos que não produzem movimentos lteris qundo se ument ou diminui veloidde. NOTA: Durnte virds ix veloidde om o volnte, unidde de trção pod intern vir em um ângulo de 42 pr rir virds de rio em pequeno. Ao ontrário dos ros trdiionis, pr fzer um urv mis pertd voê pode umentr potêni d unidde de trção pod intern. Pr mnorr o ro pr frente Coloque um ou os dois motores em mrh pr frente e vire om o volnte, omo voê fri om qulquer outro ro. Pr guinr o ro em urvs fehds ix veloidde 1. Pr fzer urvs fehds ix veloidde om o ro, gire o volnte no sentido d urv. 2. Pr umentr veloidde do ro n urv pós o giro ompleto do volnte, voê pode umentr potêni d unidde de trção pod intern. Pr girr o ro sore o próprio eixo ixs veloiddes 1. Centrlize o volnte. 2. Pr girr pr direit, oloque o motor de estiordo em reversão (mrh à ré) e o de omordo pr frente. 3. Pr girr pr esquerd, oloque o motor de omordo em reversão (mrh à ré) e o de estiordo pr frente. 4. Pr umentr veloidde de giro, juste simultnemente d lvn do ERC pr mis elerção. Mnors om o joystik O joystik é um lvn de interfe que permite o operdor mnorr emrção. Operr emrção om o joystik é stnte dequdo pr operções onde hj outros ros muito próximos e n trção. O joystik permite que o sistem de ontrole regule independentemente d ângulo e empuxo pr mover ou girr o ro n direção desejd. Por exemplo, se voê mover o joystik pr o ldo, o sistem de ontrole omnd o ro pr que ele se desloque de ldo. O joystik oferee um ontrole de três eixos: pr frente e pr trás; omordo e estiordo, e rotionl, ou qulquer ominção destes. Por exemplo, mover o joystik pr omordo fz o ro se deslor de ldo pr omordo. Girr o joystik fz o ro girr o redor do seu entro. Voê pode mover e girr o joystik o mesmo tempo, o que permite movimentos muito intrindos em dos estreits. O sistem de ontrole tent morteer o movimento d pro e pop (referido omo guind) durnte operção do joystik. Um sensor ordo mede tx de guind do ro e produz tivmente um ontr-ção do movimento de guind do ro. Ftores, tis omo vento, ondições d águ ou rg do ro, podem influenir o ro lém d pidde dos sistems de orrigir guind. A orreção mnul d guind pode ser neessári qundo o ro estiver sendo operdo ns direções pr frente, pr trás, omordo, estiordo ou digonis. Pr orrigir guinds indesejds durnte qulquer mnor, gire o joystik n direção que voê quer que pro gire. A tel que se segue mostr lguns exemplos ds resposts ásis entrds do joystik. O joystik é proporionl, o que signifi que qunto mis distnte do entro ele for movido, mis impulso é plido o ro nquel direção. Pr mnorr o ro om o joystik: 1. Mov s dus lvns do ontrole remoto eletrônio (ERC) pr posição de ponto morto. 2. Mov o joystik n direção pr onde voê quer que o ro se mov ou torç o joystik no sentido que voê desej que o ro gire. O joystik pode ser movido e girdo o mesmo tempo Págin M por OUTUBRO 2012

45 Seção 3 - N águ Tel de omndo do joystik e respost do ro Entrd do joystik Respost do ro Movimento (mostrdo de inz lro inz esuro) Bro prdo Bro se move pr frente O ro se move pr trás O ro se deslo pr estiordo sem girr M por OUTUBRO 2012 Págin 37

46 Seção 3 - N águ Entrd do joystik Respost do ro Movimento (mostrdo de inz lro inz esuro) O ro se deslo pr omordo sem girr O ro se move pr frente n digonl e pr estiordo sem girr NOTA: Nest mnor mov e torç o joystik pr orreção do desvio, se for neessário. O ro se move digonlmente pr frente e gir estiordo pr fzer orreção do desvio O ro se move pr trás n digonl e pr estiordo sem girr Págin M por OUTUBRO 2012

47 Entrd do joystik Respost do ro Seção 3 - N águ Movimento (mostrdo de inz lro inz esuro) O ro se move pr trás n digonl e pr omordo sem girr O ro se move pr frente n digonl e pr omordo sem girr O ro gir no sentido horário O ro gir no sentido nti-horário M por OUTUBRO 2012 Págin 39

48 Seção 3 - N águ Entrd do joystik Respost do ro Movimento (mostrdo de inz lro inz esuro) O ro se move pr frente n digonl e pr estiordo enqunto gir no sentido horário O ro se move pr frente n digonl e pr estiordo enqunto gir no sentido nti-horário O ro se move pr frente n digonl e pr omordo enqunto gir no sentido nti-horário O ro se deslo pr omordo enqunto gir no sentido horário Compensdores Controle utomátio A unidde Zeus vem equipd om um função de ontrole utomátio de ompensdores que oper trvés do sistem de ontrole d emrção pr proporionr um desempenho ásio e melhoris de desempenho e de efiiêni em ondições normis. Págin M por OUTUBRO 2012

49 Seção 3 - N águ A função de ontrole utomátio de ompensdores pode ser iond (ligd) ou destivd (desligd). Pr destivr função, pressione um vez o otão ontrole "AUTO" de ompensdores. Os ompensdores serão utomtimente justdos onforme s mudnçs n veloidde do ro. Se o otão for pressiondo mis um vez função será destivd. Qundo função de ontrole utomátio de ompensdores estiver iond, é possível usr os interruptores dos ompensdores de omordo e estiordo pr justr os ompensdores (deslomento) pr s ondições nturis que fetem o omportmento do ro. Este juste do deslomento dos ompensdores ontinu té função de ontrole utomátio ser destivd e iond novmente ou qundo hve de ignição for desligd e ligd. O ontrole mnul dos ompensdores permite o juste orrespondente qundo função de ontrole utomátio não estiver sendo usd. Consulte seção Controle mnul Interruptores típios de ontrole utomátio e mnul de ompensdores NOTA: Os interruptores de ontto momentâneo pr juste mnul dos ompensdores de omordo e estiordo permitem lgum ontrole do omportmento d emrção. Como exemplo, pr oter um omportmento de inlinção de omordo, pressione o interruptor de ontto momentâneo de inlinção de omordo pr posiionr o ompensdor de estiordo e proporionr o juste soliitdo pr o omportmento d emrção. Controle mnul Pr ontrolr ou justr mnulmente o deslomento dos ompensdores pr s sus ondições, use os interruptores individuis dos ompensdores de omordo ou de estiordo onforme neessário. Os ompensdores justdos mnulmente permneerão n posição definid pelo operdor té hve de ignição de desligd e ligd ou o otão "AUTO" ser pressiondo. Se o otão "AUTO" for pressiondo, função de ontrole utomátio dos ompensdores é iond e os ompensdores se deslom pr um posição que depende d veloidde do ro. Consulte seção Controle utomátio. NOTA: Os ompensdores, so ontroldos mnulmente, não se movem durnte elerção, não ser que o operdor pressione os otões orrespondentes. Uso do deslomento dos ompensdores O ontrole utomátio ou mnul do deslomento dos ompensdores pode ser proveitoso ns seguintes ondições. Entrndo em nível Suvizndo nvegção Correção de um inlinção (dernmento) Compensção ixs veloiddes Durnte elerção iniil, os ompensdores são utomtimente justdos (ontrole utomátio) ou preism ser justdos mnulmente (ontrole mnul) pr nivelr o ro om mis rpidez, pr melhorr visiilidde e usr menos potêni. À proporção que o ro se nivel em ontrole utomátio, os ompensdores soem, ssim o ro não nveg om pro muito ix. Pr o melhor desempenho à proporção que o ro se nivel em ontrole mnul, os ompensdores de omordo e de estiordo preism ser justdos pr im, ssim o ro não nveg om pro muito ix. Em ontrole utomátio, os ompensdores podem ser justdos (deslodos) om os interruptores de omordo e de estiordo pr que se otenh o melhor desempenho qundo o ro estiver temporrimente for ds ondições normis de operção. Pr evitr um nvegção desonfortável, trepidnte, em erts ondições de mr, juste os ompensdores om o ontrole utomátio ou mnul. Qundo ond lnçr o ro pr im, os ompensdores morteerão reção do ro, nivelndo e suvizndo nvegção. Em um mr om orrentez pel pop, ponh os ompensdores pr im. Isto permite que pro su, neutrlizndo s onds que erguem pop. Em águs mis trnqüils, lguns ros pulm um pouo. Bixe os ompensdores, um pouo de d vez, té o movimento despreer. A inlinção (dernmento) de um ro (inlinção pr omordo ou pr estiordo) pode ser usd por um rg desequilird ou por diverss ondições de mr e de tempo. Com os interruptores dos ompensdores de omordo e de estiordo é possível justr individulmente os ompensdores em modo de ontrole utomátio ou mnul pr orrigir um dernmento. Em zons de veloidde ontrold, muitos ros omeçm sir de nível à proporção que veloidde diminui, dess form reduzindo visiilidde. Em ontrole utomátio ou mnul, os ompensdores ixdos mntêm o ro niveldo por mis tempo em veloiddes mis ixs, o mesmo tempo mntendo um omportmento de ro equilirdo. Reursos do sistem digitl espeil de elerção e de mudnç de mrhs (DTS) O sistem DTS permite diversos modos operionis lterntivos pr s lvns do ontrole remoto eletrônio (ERC). A miori um dos reursos listdos pode ser usdo o mesmo tempo e judá-lo em so de: Aqueimento dos motores. 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 41

50 Seção 3 - N águ Nvegção om o ro em ix veloidde. Atrção do ro. Sinronizção dos motores. Trnsferêni de estção om dois lemes g h f e d ERC om o Trkpd do DTS Item Controle Função Luzes de "PONTO MORTO" "TROLL" (MARCHA LENTA DE PESCA) "TRANSFERÊNCIA" Aendem qundo trnsmissão estiver em ponto morto. As luzes pisrão qundo o motor estiver no modo somente elerção. A nvegção em ix veloidde reduz veloidde d hélie ixo ds RPMs do motor nos primeiros 25% do perurso d lvn. Permite que o ontrole do ro sej trnsferido um leme diferente. Consulte Trnsferêni de Estção om Leme Duplo. d "ATRACAÇÃO" Reduz pidde de elerção pr proximdmente 50% d elerção norml. e "ACELERAÇÃO SOMENTE" Permite que o operdor do ro umente s RPMs pr o queimento do motor, sem engtr um mrh. f "ALAVANCA 1" Permite que s funções de elerção e de mudnç de mrhs dos dois motores sejm ontrolds pel lvn de ontrole de estiordo. g "SYNC" Ativ ou destiv o reurso de sinronizção utomáti. ConsulteSinronizção de Motores. h "+" (umentr) e " " (diminuir) NOTA: É possível que nem tods s funções estejm tivs. Respost de nvegção em mrh lent de pes e em elerção Aument e diminui rotção d mrh lent pens. A fix de rotção vri dependendo d plição e do modelo do motor. A nvegção em ix veloidde permite que emrção se desloque veloiddes muito ixs medinte ontrole d trnsmissão. A trnsmissão é pz de tornr veloidde d hélie mis ix que do motor. O ontrole de nivelmento é justdo de form que nvegção em mrh lent oorr nos primeiros 25% de nvegção niveld. De 26% 100% de nvegção niveld o motor funion entre veloidde de mrh lent e veloidde máxim nominl do motor Botão "TROLL" (mrh lent de pes) Págin M por OUTUBRO 2012

51 Seção 3 - N águ Pr ionr o modo de nvegção em ix veloidde: 1. Coloque s dus lvns do ERC em ponto morto. 2. Pressione o otão "TROLL", lolizdo no trkpd do DTS preso às lvns do ERC. 3. Engte um ds lvns do ERC. 4. A luz do otão "TROLL" ende qundo um ds lvns ou s dus sem de ponto morto. 5. As RPMs dos motores não se lterm durnte os primeiros 25% de perurso d lvn do ERC enqunto s trnsmissões permitirem um pouo de deslizmento veloiddes mis ixs. As RPMs do motor umentm nos 75% restntes do perurso d lvn. Pr destivr o modo de nvegção em ix veloidde: 1. Coloque de volt s dus lvns do ERC em ponto morto. 2. Pressione o otão "TROLL". A luz no otão "TROLL" pg. Atrção O modo de trção reduz em 50% o perentul de elerção em tod fix. Isto permite melhor ontrole d potêni do motor em situções onde houver outros ros muito próximos Pr ionr o modo de trção: 1. Coloque s dus lvns do ERC em ponto morto. Botão "DOCK" (trção) 2. Pressione o otão "DOCK", lolizdo no trkpd do DTS preso às lvns do ERC. 3. A luz no otão "DOCK" ende. 4. Engte um ds lvns do ERC. 5. As RPMs do motor umentrão pr um vlor proporionlmente mis ixo em relção à posição d lvn do ERC e om metde d potêni normlmente disponível. Pr destivr o modo de trção: NOTA: Só é possível destivr trção om s lvns em um tente. 1. Mov s dus lvns ERC pr frente, ponto morto, ou retenção de mrh à ré. 2. Pressione o otão "DOCK". O modo de trção desengt e luz do otão de "ATRACAÇÃO" se pg. Somente Aelerção Pr tivr o modo "Somente Aelerção": 1. Coloque s dus lvns do ERC em ponto morto. 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 43

52 Seção 3 - N águ 2. Pressione o otão "THROTTLE ONLY" (somente elerção), lolizdo no trkpd do DTS Botão "THROTTLE ONLY" (somente elerção) 3. A luz de "THROTTLE ONLY" se ende e luz de ponto morto pis. 4. Engte um ds lvns do ERC. 5. A rotção dos motores pode ser umentd, enqunto trnsmissão permnee em ponto morto. Pr destivr o modo de pens elerção: NOTA: Se o otão "THROTTLE ONLY" for pressiondo enqunto s lvns do ERC estiverem for do ponto morto, luz do otão pgrá, ms o ro ontinurá em modo "pens elerção" té s lvns serem olods em ponto morto. 1. Coloque de volt s dus lvns do ERC em ponto morto. O modo "pens elerção" só será destivdo om s lvns do ERC em ponto morto. 2. Pressione o otão "THROTTLE ONLY" (somente elerção). A luz no otão "THROTTLE ONLY" se pg. 3. Oserve que s luzes de ponto morto permneem ess. Operção om um úni lvn (Alvn 1) A função de um úni lvn no Zeus simplifi dministrção dos motores em ondições de mr gitdo o permitir que voê segure um úni lvn pr omndr os dois motores simultnemente. Pr engtr o modo de 1 lvn: 1. Coloque s dus lvns do ERC em ponto morto. 2. Pressione o otão "1 LEVER", lolizdo no trkpd do DTS preso às lvns do ERC A luz no otão "1 LEVER" ende. Botão "1 ALAVANCA" 4. Coloque lvn de estiordo do ERC em posição de mrh. 5. As RPMs do motor umentm e diminuem simultnemente, enqunto s trnsmissões ontinum n mesm mrh. Pr destivr o modo de 1 lvn: Págin M por OUTUBRO 2012

53 Seção 3 - N águ 1. Coloque s dus lvns do ERC em ponto morto. 2. Pressione o otão "1 LEVER" (1 ALAVANCA). A luz no otão "1 LEVER" pg. Sinronizção dos motores O sistem possui um função de sinronizção utomáti do motor hmd Syn. A função Syn é tivd utomtimente no momento que o ro é ligdo. O reurso d sinronizção monitor posição ds dus lvns ERC. Se els estiverem om fstmento de 10% um d outr, o motor de omordo sinroniz seu regime de rotções om o do motor de estiordo. Se s RPMs dos motores não estiverem dentro de um tolerâni de 10% ums ds outrs, o VesselView mostr um íone lrnjdo. Qundo oorre sinronizção, or desse íone mud pr verde. Qundo o modo Syn está destivdo, o íone pss pr inz. Pr destivr o modo de sinronizção: 1. Coloque s dus lvns do ERC em qulquer tente. 2. Pressione o otão "SYNC" Botão "SYNC" (sinronizção) Pr retivr o modo de sinronizção, pressione o otão "SYNC". Controle Cruise (Cruzeiro) O sistem VesselView ont om o reurso de ontrole integrdo de elerção de ruzeiro hmdo Cruise, que permite o operdor limitr o pio ds RPMs ixo d elerção máxim (Wide Open Throttle - WOT). Pr oter instruções de operção, onsulte o mnul do proprietário forneido om seu VesselView. Ests oservções diionis referem-se exlusivmente o seu grupo propulsor: Voê pode lterr ou destivr o Cruise qulquer momento trvés d tel VesselView. Qundo hve for desligd, o Cruise reiniilizrá. Se o limite de Cruise for lterdo enqunto s lvns estiverem no WOT, o Cruise fz mudnç grdul pr nov veloidde. Se s lvns do ERC estiverem em um veloidde mior dos motores do que s RPMs tuis, o Cruise não será destivdo. Pr destivr o Cruise, trg s lvns de volt o tente de movimento vnte e use o VesselView. Se o Cruise estiver iondo, Skyhook não funion. Trnsferêni de leme Alguns ros form projetdos pr permitir o ontrole do ro prtir de mis de um lol. Estes lois são normlmente referidos omo lemes ou estções. A trnsferêni de leme é usd pr desrever o método de trnsferêni de ontrole de um leme (ou estção) pr outro leme.! ADVERTÊNCIA Evite ferimentos grves ou morte devido perd de ontrole do ro. O operdor do ro nun deve ndonr estção tiv qundo o motor estiver om um mrh engtd. A trnsferêni de lemes só deve ser feit qundo ms s estções estiverem sendo ontrolds por um pesso. A trnsferêni de leme por um pesso só deve ser efetud qundo o motor estiver n posição de ponto morto. A função de trnsferêni do leme permite o operdor do ro seleionr o leme que está em ontrole do ro. Antes que um trnsferêni poss ser iniid s lvns ERC do leme tivo e do leme pr o qul trnsferêni deve ser feit devem estr n posição de ponto morto. 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 45

54 Seção 3 - N águ NOTA: Se voê tentr trnsferir o ontrole do leme qundo s lvns ERC não estiverem em ponto morto, um ipe sorá e trnsferêni do leme não será ompletd té que s lvns dos lemes sejm movids pr ponto morto e trnsferêni sej soliitd novmente. Alguns ódigos de flh podem ser exiidos no VesselView se lgum outro ontrole ou função de nvegção for ligdo depois de o proedimento de trnsferêni do leme ser iniido. Pr remover os ódigos de flh, tlvez sej neessário ligr e desligr hve de ignição e, em seguid, reiniir o proedimento de trnsferêni do leme. Certifique-se de que outro ontrole e omndo de nvegção sejm relizdos depois que trnsferêni do leme for onluíd pr evitr que ódigos de flh sejm gerdos. AVISO As lvns ERC devem estr em ponto morto pr que trnsferêni de leme sej relizd. Enqunto estiver em ponto morto, o seu ro pode oir sem ontrole e olidir ontr ojetos próximos sofrendo dnos. Estej vigilnte qunto ostruções ou ojetos próximos o ro o fzer trnsferêni do leme. Pr evitr dnos, tenh muito uiddo o tentr trnsferir o leme qundo o ro estiver próximo de dos, is ou outrs estruturs fixs, ou qundo estiver próximo outros ros. Soliitção de trnsferêni do leme NOTA: Qulquer movimento do joystik ou ds lvns ERC depois de o otão "TRANSFER" (trnsferêni) ter sido pressiondo enerrrá trnsferêni de leme soliitd. Um únio ipe so e o otão de trnsferêni se pg indindo onlusão d trnsferêni soliitd. Pr soliitr trnsferêni do ontrole do ro de um leme pr outro: 1. No leme o qul voê soliitou pr tivr e om s lvns ERC em ponto morto, pressione o otão "TRANSFER" (trnsferêni) um vez. Depois de o otão TRANSFER" ter sido pressiondo, luz do otão de trnsferêni se ende e um ipe sorá onfirmndo soliitção d trnsferêni. NEUTRAL - TROLL + SYNC TRANSFER 1 LEVER THROTTLE ONLY DOCK Botão "TRANSFER" (trnsferêni) NOTA: Se s lvns ERC nos lemes não estiverem em ponto morto, s luzes de ponto morto pisrão. Mov s lvns ERC pr ponto morto e s luzes de ponto morto devem fir ess. 2. Com luz do otão "TRANSFER" e luz de ponto morto ess, pressione o otão "TRANSFER" pel segund vez pr ompletr trnsferêni do leme. 3. Qundo trnsferêni do leme tiver sido onluíd, um outro ipe so e luz do otão de trnsferêni se pg. NOTA: Se trnsferêni do leme não for onluíd em dez segundos, soliitção é neld utomtimente e dois ipes som. O ontrole permneerá no leme que estv tivo. Pressione o otão "TRANSFER" outr vez pr reiniir trnsferêni do leme. 4. O leme onde trnsferêni foi iniid está tivo e ontrol o ro. Trnsferêni do leme e Preision Pilot A trnsferêni do ontrole de um leme tivo pr um intivo (de um estção tiv pr outr estção) fet funionlidde dos modos Preision Pilot. Alguns dos efeitos estão listdos ixo: O modo Rumo Automátio (Auto Heding) é desengtdo qundo s lvns ERC são movids pr ponto morto pr trnsferêni do leme. O modo Rumo Automátio deve ser tivdo novmente no novo leme tivo. Soliitr um trnsferêni de leme fz om que o modo Pilot psse pr modo Stndy. Voê terá que entrr s informções no novo leme em ontrole do ro. Se o Skyhook estv tivdo ele será destivdo qundo o otão "TRANSFER" (trnsferêni) for pressiondo pel segund vez. Voê deve engtr o Skyhook no novo leme tivo. A função "Continur" (Resume) pr o modo Rumo Automátio não é trnsferid utomtimente. Depois de tivr o urso do modo Rumo Automátio nterior no novo leme tivo, função "Continur" funion d mesm form em qulquer estção tiv. No modo "Aompnhmento de Rot" (Trk Wypoint) o ontrole d rot e exiição dos ddos d rot no seu trçdor de gráfio não são trnsferidos utomtimente pr o trçdor de gráfio no leme soliitdo. Voê deve tivr o trçdor de gráfio no leme novo tivdo, deve entrr o ponto de referêni ou rot do ponto de referêni ser ontroldo, e deve tivr novmente o modo "Aompnhmento d Rot". Págin M por OUTUBRO 2012

55 Piloto de preisão Reursos do trkpd do Preision Pilot (Piloto de preisão) Informções geris Os reursos do trkpd do Preision Pilot inluem: As funções do Preision Pilot (ou Pilot) são ontrolds somente pelo trkpd do Pilot. As tels do Pilot estão lolizds no pítulo de Amiente do VesselView. Seção 3 - N águ Os otões "TURN" (GIRAR) produzem um orreção de 10 tod vez que são pressiondos em direção omordo ou estiordo. Os otões "AUTO HEADING", "TRACK WAYPOINT" e "WAYPOINT SEQUENCE" ionm os modos de urso e rot utomátios. Qundo Auto Heding (Rumo utomátio) ou Trk Wypoint (Aompnhr oordend) estiverem iondos, o volnte pree trvdo. A superção mnul d forç de retenção do volnte olo o Pilot utomtimente em modo de esper (stndy). Stndy (Esper) Os elementos d tel de stndy (esper) são: Em modo de esper (stndy), tel exie um ângulo digitl de ússol e o ângulo dos propulsores. O vlor d ússol orresponde o rumo tul do Pilot. No ldo direito d tel, um íone om os dizeres "OFF" indi que o Pilot não está tivdo. NOTA: Qundo s funções do DTS estiverem tivds, nem tods s funções do Preision Pilot funionm. Pr usr s funções do Preision Pilot, destive s funções do DTS. Tel de stndy no VesselView - Íone de "OFF" - Rumo - Referêni do ângul unidde de trção d - Rotção do motor d Luzes indidors de Stndy (Esper) e de Ative (Ativo) Qundo luz "STANDBY" estiver es o Preision Pilot está destivdo. Pr ionr um modo Auto Heding, Trk Wypoint ou Skyhook é neessário pressionr o otão orrespondente. Qundo luz de "ACTIVE" estiver es, um dos modos do Preision Pilot está iondo (ligdo) Luz de "STANDBY" - Luz de "ACTIVE" M por OUTUBRO 2012 Págin 47

56 Seção 3 - N águ Íone de Power (Aionmento) O íone de energi lolizdo nos otões do Skyhook, Rumo utomátio e Trk Wypoint indim que os otões podem ionr ou desionr função Preision Piloto que exeutm. Botões om o íone de Power - Botão "SKYHOOK" - Botão "AUTO HEADING" - Botão TRACK WAYPOINT" Se voê pressionr um otão om o íone de energi pgrá e luz de "STANDBY" se enderá. qundo luz deste otão estiver es, luz orrespondente se Se voê pressionr um otão om o íone de energi qundo luz orrespondente estiver pgd, luz se enderá, será emitido um únio sinl sonoro (ipe) e luz "ACTIVE" enderá, não ser que outro modo estej tivo nquele momento. Se outro modo estiver tivo, pressione o otão no modo tivo pr destivá-lo e, em seguid, pressione o otão pr o novo modo. Se voê pressionr um otão om este íone qundo luz orrespondente estiver pgd, luz se enderá, será emitido um únio sinl sonoro (ipe) e luz "ACTIVE" se enderá. Skyhook (se equipdo) Su emrção pode estr equipd om um função de mnutenção de estção hmd Skyhook. A Skyhook mntém utomtimente o rumo e posição do ro om um preisão de proximdmente 3 metros (10 pés) de um posição definid. O sistem de ontrole pr função Skyhook us informções de oordends por GPS e por ússol pr ontrolr utomtimente mudnç de mrhs, elerção e direção, de form mnter o ro em proximdmente um posição. A função Skyhook pode mnter seu ro prtimente prdo, por exemplo, enqunto voê gurd um lugr n do de steimento ou enqunto esper ertur de um ponte. Tmém é possível usr Skyhook pr mnter seu ro em posição qundo profundidde d águ for muito grnde pr permitir norgem. Pr destrvr e possiilitr o uso dess função é preiso entrr em ontto om um ofiin de repros utorizd Merury Diesel. A função Skyhook não deve ser usd qundo o ro estiver ns proximiddes de um do ou de qulquer outro ojeto, inlusive de ros nordos. Como função Skyhook mntém o ro em um posição proximd e não ext, el pode fzer om que o ro olid om ojetos ns proximiddes, usndo dnos o ro e ojetos próximos. De tempos em tempos, o sistem d função Skyhook pode plir um reve inremento de potêni (elerção) enqunto estiver mntendo o ro em um posição. Isso pode usr perd de equilírio e qued de um pesso de pé perto d ord do ro.! ADVERTÊNCIA Um hélie em rotção, um ro em movimento ou um dispositivo preso um ro em movimento podem usr ferimentos grves ou morte em pessos n águ. Qundo Skyhook estiver iond, s hélies girm e o ro se move pr mnter su posição. Sempre que lguém estiver n águ, perto do ro, desligue os motores imeditmente. Pr ionr função Skyhook, s trnsmissões devem estr em ponto morto. No entnto, pós o ionmento d função Skyhook, respost d trnsmissão não é mesm ds trnsmissões normlmente engtds em ponto morto. Qundo função Skyhook estiver tivd, s hélies girrão, ms isso pode não ser evidente. Como em todos os ros om motores em funionmento, é importnte ssegurr-se de que não hj ninguém n águ e que os pssgeiros estejm em segurnç. O umprimento dess práti é ind mis importnte qundo função Skyhook estiver iond. Antes de engtr (ionr) função Skyhook, o operdor preis: Págin M por OUTUBRO 2012

57 Seção 3 - N águ Informr os pssgeiros omo função Skyhook funion, pr que os pssgeiros se mntenhm for d águ e d pltform de ntção e pr que prestem tenção quisquer desvios repentinos n posição do ro. Verifir se não há lguém n pltform de ntção, dentro d águ ou perto do ro. Qundo função Skyhook estiver iond, o operdor preis: Mnter-se no leme e oservr om tenção. Desengtr (destivr) função Skyhook se lguém entrr n águ ou se proximr do ro pel águ. A pidde do Skyhook de mnter posição do ro em um orrente depende ds rterístis do ro. Se voê oservr que seu ro está se movendo de ldo enqunto função Skyhook estiver tivd, mov pro ou pop em direção à orrentez pr judr diminuir seus efeitos.! ADVERTÊNCIA Qundo função Skyhook está tivd, o ro se mntém em um posição predefinid; no entnto, função Skyhook pode desengtr inesperdmente. Nesse so, o ro não se mntém n posição predefinid e pode fir à deriv, usndo dnos em potenil ou ferimentos pessois. Qundo função Skyhook é usd, o operdor do leme preis ter ondições de ontrolr o ro. A função Skyhook depende de um reeptor de GPS e de um sensor de rumo. Osionlmente, devido prolems de omunição om o stélite ou ostruções, o GPS pode fir temporrimente indisponível. No so de interrupção no sinl do GPS, função Skyhook ontinu funionr por té 10 segundos, ms destiv-se utomtimente se interrupção do GPS ontinur. Cso oorr destivção d função Skyhook, será emitido um sinl sonoro (uzin) e luz no otão "SKYHOOK" do teldo do Preision Pilot pg. Nesss irunstânis, o ro irá à deriv om o vento ou orrentez, porque os motores ontinum em funionmento, ms s trnsmissões estão em ponto morto. O desempenho d função Skyhook depende n mior prte do desempenho do sistem de GPS Zeus ordo. O sistem GPS Zeus tem preisão de 3 metros (10 pés) qundo reee um orreção do Sistem de Aumento de Áre Ampl (Wide Are Augmenttion System - WAAS). O WAAS é um sistem de stélites e estções terrestres que emitem sinis de orreção de GPS, o que permite um posiionmento mis preiso do seu GPS. Qundo o WAAS não estiver disponível, o desempenho do sistem mntém o ro dentro de 20 metros (60 pés) d posição desejd. Engte (ionmento) d função Skyhook IMPORTANTE: Qulquer tividde n águ perto d emrção om função Skyhook tivd pode resultr em ferimentos. O pitão (ou operdor) e os pssgeiros devem ler s etiquets de dvertêni no ro e oedeê-ls ntes d tivção d função Skyhook. Etiquet o ldo do trkpd do Preision Pilot 8M Etiquet ns proximiddes d áre de emrque no gio M por OUTUBRO 2012 Págin 49

58 Seção 3 - N águ IMPORTANTE: Se lgum desss etiquets não puder ser lolizd ou não estiver legível, el preis ser sustituíd ntes do ionmento d função Skyhook. Pr oter s etiquets de sustituição, entre em ontto om o frinte do ro ou om um ofiin meâni utorizd d Merury Diesel. 1. Psse s lvns do ERC pr ponto morto pr prr o ro. A função Skyhook só será tivd qundo o ro estiver em ponto morto e om veloidde sufiientemente ix pr um engte em segurnç. 2. Informe os pssgeiros omo função Skyhook funion, pr que os pssgeiros se mntenhm for d águ e d pltform de ntção e pr que prestem tenção quisquer desvios repentinos n posição do ro. 3. Verifique se não há lguém n pltform de ntção, dentro d águ ou perto do ro.! ADVERTÊNCIA Um hélie em rotção, um ro em movimento ou um dispositivo preso um ro em movimento podem usr ferimentos grves ou morte em pessos n águ. Qundo Skyhook estiver iond, s hélies girm e o ro se move pr mnter su posição. Sempre que lguém estiver n águ, perto do ro, desligue os motores imeditmente. 4. Pressione o otão "SKYHOOK" pr soliitr o ionmento e operção d função Skyhook Botão "SKYHOOK" 5. Será exiid um tel de viso no VesselView. Lei e oserve s mensgens de segurnç Tel de viso d função Skyhook no VesselView 6. Pressione o otão X no VesselView pr fehr mensgem de segurnç. NOTA: Pressionr o otão "SKYHOOK" tmém vi fehr mensgem de segurnç e vi desengtr função Skyhook. 7. O sistem Skyhook é tivdo, e um som ontínuo de uzin (ipe) é emitido um vez, durnte um segundo. Qundo função Skyhook for tivd, luz no otão "SKYHOOK" pr de pisr e se mntém es. NOTA: Alguns frintes de ro inluem sistems de som, luzes e outros reursos diionis pr lertr o operdor e os pssgeiros que função Skyhook foi tivd. Consulte o frinte do seu ro pr oter informções sore os sistems de notifição d função Skyhook, se o seu ro possuir este equipmento. 8. Qundo função Skyhook engtr, tel "SKYHOOK" no VesselView exie um írulo verde om plvr "ON" ("LIGADA"). Consulte tel d função Skyhook no VesselView. Págin M por OUTUBRO 2012

59 Seção 3 - N águ NOTA: Se o ro tiver pssdo d posição que deveri mnter onde o otão "SKYHOOK" foi pressiondo pel primeir vez, ele pode entrr utomtimente em reversão (mrh à ré). 9. Qundo função Skyhook estiver iond, voê preis mnter-se no leme e oservr om tenção. Destive função Skyhook se lguém entrr n águ ou, dentro d águ, se proximr do ro. 10. Pr olor o Preision Pilot em stndy (modo de esper), pressione o otão "SKYHOOK" um segund vez. Com exeção d "STANDBY" (Esper), tods s outrs luzes se pgrão. 11. Pr desionr o Skyhook, onsulte Como destivr (desengtr) função Skyhook. Como destivr (desengtr) função Skyhook IMPORTANTE: Pr que função Skyhook funione dequdmente, os dois motores e s uniddes de propulsão preism estr funionndo orretmente. Se os sinis de referêni neessários de um motor ou propulsor se tornrem indisponíveis, função Skyhook se destiv utomtimente. 1. Pr destivr função Skyhook, use um dos seguintes métodos: Pressione o otão "SKYHOOK" no trkpd do Preision Pilot. Tire qulquer um ds lvns de ERC de ponto morto. Mov o joystik. NOTA: Com qulquer desses métodos, luz no trkpd do Preison Pilot pr o otão "SKYHOOK" pg. 2. Qundo função for destivd, será emitido um ipe. Rumo utomátio O rumo utomátio permite que o ro mntenh utomtimente um rumo de ússol durnte nvegção. Aionmento do rumo utomátio 1. Ponh pelo menos um dos motores em funionmento em mrh pr frente. NOTA: O rumo utomátio não funion se s lvns do ERC estiverem em ponto morto ou em mrh à ré. 2. Vire o ro pr o rumo de ússol desejdo. 3. Pr ionr o modo rumo utomátio, pressione o otão "AUTO HEADING" (Rumo Automátio). O otão ende e um ipe é emitido omo reonheimento do engte. Se o rumo utomátio não engtr, será emitido um lert sonoro de dois ipes. - Botão de "TURN" (Curv) omordo (juste de urso) - Botão de "TURN" (Curv) estiordo (juste de urso) - Botão "RESUME" (Voltr o Ponto ou Condição Anterior) d - Botão "AUTO HEADING" (Rumo Automátio) d 4. Exie tel do "AUTOPILOT" (Piloto Automátio) no VesselView. Consulte Exiição de Modo em VesselView N tel de visulizção do VesselView pr o piloto utomátio, o indidor de modo pss de "OFF" (Desligdo) pr "AUTO" (Automátio). 6. O volnte será entrlizdo e mntido nest posição por um retenção eletrôni. NOTA: Se, por qulquer motivo, for neessário girr o volnte, voê terá que plir um forç sufiiente pr superr retenção eletrôni. 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 51

60 Seção 3 - N águ 7. Qundo o otão "AUTO HEADING" tiver sido pressiondo e o Auto Heding estiver em operção, o Preision Pilot mntém o rumo de ússol que o ro estiver seguindo. 8. Pr justr o urso enqunto o "AUTO HEADING" (Rumo Automátio) estiver iondo, onsulte Ajuste de urso por meio dos otões de giro ou do joystik Pr destivr o Auto Heding, onsulte Destivção do Auto Heding (rumo utomátio). 10. Pressione o otão "AUTO HEADING" (Rumo utomátio) um segund vez. O rumo utomátio entr em modo de esper e tods s luzes pgm, om exeção d "STANDBY" (Esper). Ajuste de urso por meio dos otões de giro ou do joystik Em modo "AUTO HEADING" (RUMO AUTOMÁTICO), os otões "TURN" (otões de juste de urso) mudm o rumo definido sempre que forem pressiondos. Movimentr rpidmente o joystik pr esquerd ou pr direit just o urso pr d deslomento rápido. 1. Pressione o otão "TURN" (Curv) n direção d lterção de rumo desejd. O rumo desejdo é lterdo em 10 grus tod vez que o otão é pressiondo. - Botão de "TURN" (Curv) omordo (juste de urso) - Botão de "TURN" (Curv) estiordo (juste de urso) - Botão "RESUME" (Voltr o Ponto ou Condição Anterior) d - Botão "AUTO HEADING" (Rumo Automátio) d Inline e segure o joystik n direção desejd pr fzer pequenos justes no rumo esolhido. Cd movimento reonheido just o rumo definido em 1. Págin M por OUTUBRO 2012

61 Seção 3 - N águ NOTA: O joystik deve se mover mis de 50% de seu urso e um ipe sorá pr que o movimento sej reonheido omo um entrd. Pr retornr um rumo Ajuste do rumo pr estiordo Se for possível retornr o rumo nterior, luz no otão "RESUME" estrá es. IMPORTANTE: O rumo nterior pode ser retomdo pens dentro de um minuto d destivção do rumo utomátio ou se o volnte tiver sido virdo não mis do que 90. Pressione o otão "RESUME" pr retornr o rumo nterior so: Tenh girdo o volnte e destivdo o rumo utomátio. Tenh pressiondo um dos otões "TURN" (Curv) (juste de urso) om o rumo utomátio iondo. - Botão de "CURVA" omordo (juste de urso) - Botão de "CURVA" estiordo (juste de urso) - Botão "RESUME" (voltr o ponto ou ondição nterior) d - Botão "AUTO HEADING" d Destivção do Auto Heding (rumo utomátio) 1. Voê pode destivr o modo rumo utomátio de um ds seguintes mneirs: Color s lvns do ERC pr os dois motores em ponto morto. A luz no otão "AUTO HEADING" (Rumo Automátio) pg e de esper ende. Girr o volnte lém d retenção eletrôni. A luz no otão "AUTO HEADING" (Rumo utomátio) pg e de voltr o ponto/ondição nterior ende. 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 53

62 Seção 3 - N águ Pressionr o otão "AUTO HEADING" (Rumo Automátio) no trkpd do Preision Pilot. A luz no otão "AUTO HEADING" (Rumo Automátio) pg e de esper ende. - Luz no otão - Botão "AUTO HEADING" (Rumo Automátio) Será emitido um ipe e o indidor de modo pss de "AUTO" (Automátio) pr "OFF" (Desligdo). 3. Se o rumo utomátio estiver destivdo porque o volnte foi girdo, luz no otão voltr o ponto/ondição nterior ende. Enqunto luz no otão de voltr o ponto/ondição nterior estiver es, voê pode pressionr o otão "RESUME" (Voltr o Ponto ou Condição Anterior) pr retornr o urso no rumo utomátio. Consulte Pr retornr um rumo. Se não quiser retornr um rumo, pressione o otão "AUTO HEADING" (Rumo Automátio) um vez pr entrr em esper e pressione-o novmente pr destivr o modo rumo utomátio. - Indidor de modo - "OFF" (Desligdo) ou "AUTO" (Automátio) - Rumo tul - Posições dos propulsores d - Rotção do motor d 4. Se s lvns do ERC forem movids pr ponto morto, luz do otão "AUTO HEADING" (Rumo Automátio) se pg e luz "STANDBY" (Esper) se ende. Voê não onseguirá retornr o rumo pressionndo o otão "RESUME" (Voltr o Ponto ou Condição Anterior). Consulte Pr retornr um rumo. 5. Se o rumo utomátio for desiondo porque o otão "AUTO HEADING" (Rumo Automátio) foi pressiondo, luz do otão "AUTO HEADING" (Rumo Automátio) se pg e luz "STANDBY" (Esper) se ende. Pressione o otão "AUTO HEADING" (Rumo Automátio) um segund vez e luz de "STANDBY" (Esper) se pgrá, o rumo utomátio será destivdo e o modo entrrá em "OFF" (Desligdo). Botão Response (Respost) Pressione o otão "RESPOSTA" pr umentr ou diminuir o gru de gressividde om que o ro rege lterções progrmds qundo nos modos Piloto. O gru de gressividde om que o ro rege é igul um onfigurção de respost do VesselView. Págin M por OUTUBRO 2012

63 Seção 3 - N águ NOTA: Cd vez que o otão "RESPOSTA" for pressiondo, luz orrespondente pisrá pr mostrr que voê lterou onfigurção de respost pr quele modo Botão Response (Respost) 2. Pressione o otão "RESPOSTA" novmente pr umentr o nível de gressividde om que o ro rege lterções progrmds. O primeiro pressionmento do otão mostr onfigurção de respost tul. Pressionr o otão té três vezes umentrá gressividde om que o ro rege em três e em seguid diminuirá voltndo pr primeir onfigurção de respost. Número de pisds Indição d definição de respost Agressividde d orreção 1 1 Moderd (pr ondições rnds ou lms) 2 2 Médi (pr ondições moderds) 3 3 Agressivo (pr ondições intenss) 3. A onfigurção do vlor tul de respost pree n págin Rumo utomátio no VesselView. Trk Wypoint! ADVERTÊNCIA Em lguns modos do Preision Pilot "Auto Heding," "Trk Wypoint" e "Wypoint Sequene" o ro nveg segundo um rot pré-definid. O ro não responde utomtimente perigos omo outrs emrções, ostáulos, nddores ou identes geográfios sumrinos. A olisão om estes perigos pode usr dnos o ro, ferimentos grves ou morte. O operdor preis permneer no leme, pronto pr se desvir de perigos e visr os outros sore mudnçs de rumo. O Trk Wypoint permite que o ro nvegue utomtimente pr um ponto de referêni espeífio, ou um sequêni de pontos de referêni, hmdos de rot de pontos de referêni. Esse reurso destin-se o uso em águs erts, livres de ostáulos im e ixo d linh d águ. Qundo o reurso Trk Wypoint estiver tivdo e o ro estiver em operção: O leme nun deve ser deixdo sem supervisão. O reurso não é projetdo pr permitir o funionmento sem supervisão do ro. O operdor deve permneer sempre no leme. O sistem não deve ser usdo omo úni fonte de nvegção. IMPORTANTE: O Trk Wypoint só pode ser usdo om trçdores de gráfios provdos pel Merury Diesel. Os ddos do ponto de referêni preism ser forneidos o VesselView por um trçdor de gráfios de tereiros. Pr oter mis detlhes, onsulte o mnul do usuário do trçdor de gráfios. A preisão do reurso pode ser fetd pels ondições mientis e uso inorreto. Oserve s informções seguir o usr o reurso Trk Wypoint e Sequêni de ponto de destino. Ddos do ponto de destino onfigurções de distâni Entre os pontos de destino Alrmes de hegd Mior do que1,0 milh náuti (1,15 milh) Não menos do que0,1 milh náuti (0,12 milh) Aionmento do modo Trk Wypoint Pr ionr o modo Trk Wypoint no Preision Pilot: 1. Ligue o trçdor de gráfios e seleione um ponto de referêni ou rot de pontos de referêni serem ompnhdos. 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 55

64 Seção 3 - N águ 2. Ponh pelo menos um ds lvns do ERC em mrh pr frente. O Trk Wypoint não funion se s dus lvns estiverem em ponto morto ou em mrh à ré. 3. Vire mnulmente o ro em direção o primeiro ponto de referêni e mntenh o ro um veloidde de operção onstnte e segur. 4. Pressione o otão "TRACK WAYPOINT" no keypd (teldo) do Preision Pilot. A luz no otão "TRACK WAYPOINT" ende e é um ipe é produzido, indindo unidde de trção do Trk Wypoint. O piloto fz o ompnhmento té o primeiro ponto de referêni no urso do trçdor de gráfios. Se o Trk Wypoint não for tivdo, serão emitidos dois ipes Botão "TRACK WAYPOINT" 5. A tel "TRACK WAYPOINT" no VesselView será exiid durnte um segundo pós o otão "TRACK WAYPOINT" ter sido pressiondo. A tel mostr o rumo digitl perorrido pelo ro, os ângulos ds uniddes de propulsão e veloidde dos motores em rotções por minuto (RPMs). Consulte Exiição de Modo no VesselView. NOTA: Est tel é tivd durnte lirção do VesselView. O sistem GPS ger o rumo exiido om se no norte mgnétio. Tel do Trk Wypoint NOTA: O Preision Pilot não iniirá urvs qundo o modo Trk Wypoint estiver iondo. Os reursos de Turn só estão disponíveis em modo Auto Heding. Destivção do modo Trk Wypoint 1. Voê pode destivr o modo Trk Wypoint de um ds seguintes mneirs: Pressione o otão "TRACK WAYPOINT" no keypd (teldo) do Preision Pilot. A luz no otão "TRACK WAYPOINT" pgrá e o Pilot entrrá em esper. A luz "STANDBY" (Esper) se ende. Gire o volnte om forç sufiiente pr superr o feedk de forç e o Pilot entrrá em Stndy Mov s dus lvns do ERC de volt o ponto morto e o Pilot entrrá em Stndy. Pressione qulquer dos otões "TURN" e o Pilot entrrá em modo Auto Heding. Pressione o otão "AUTO HEADING" e o Pilot entrrá em modo Auto Heding. Págin M por OUTUBRO 2012

65 Seção 3 - N águ Desligue o trçdor de gráfios e o Pilot entrrá em Stndy. 2. Se emrção não se desviou muito e luz de "RESUME" ind estiver es ou pisndo voê pode voltr à rot do Trk Wypoint dentro de um minuto. Botões Turn ou joystik em modo Trk Wypoint Em modo "TRACK WAYPOINT", os otões "TURN" pr esquerd e pr direit no teldo ou o joystik lterm o modo pr "AUTO HEADING." Botão Auto Heding em modo Trk Em "TRACK WAYPOINT", pressionr o otão "AUTO HEADING" fz om que o Pilot mude pr modo "AUTO HEADING." Reonheimento de um vird durnte proximção um ponto de referêni IMPORTANTE: O modo Trk Wypoint não fz o ro mudr de direção utomtimente qundo d proximção um ponto de referêni. 1. Qundo o ro entrr n zon de proximção de um ponto de referêni indido pelo trçdor de gráfios, será emitido um reve som de uzin e luz no otão do "WAYPOINT SEQUENCE" omeçrá pisr, informndo o operdor pr que fzer um volt Botão "WAYPOINT SEQUENCE" (Sequêni de Ponto de Destino) 2. Se o modo Wypoint Sequene (Sequêni de Wypoint) não tiver entrdo em operção, luz no íone "WAYPOINT SEQUENCING" pisrá n zon de proximção. Luz no íone Wypoint Sequening M por OUTUBRO 2012 Págin 57

66 Seção 3 - N águ 3. O VesselView exie um tel de viso. O operdor preis determinr se é seguro dr um guind no ro. Nesse so, pressione o otão "WAYPOINT SEQUENCE" pr onfirmr que o Pilot pode dr um guind utomtimente om segurnç e mnorr pr o novo urso. Tel de dvertêni instntâne (pop-up) 4. Se o ponto de referêni não for onfirmdo, o ro ontinurá no rumo tul. 5. Ao finl d rot do Trk Wypoint, digite um nov rot ou ssum o ontrole do ro. Cso ontrário, o ro volt pr o modo Auto Heding e ontinu no último rumo. Sequêni de pontos de destino 1. Coloque lvn ou s lvns do ERC em mrh pr frente. Se s lvns estiverem em ponto morto ou em mrh à ré, "WAYPOINT SEQUENCE" não será iond. 2. Se luz no otão do Trk Wypoint não estiver es, pressione o otão "TRACK WAYPOINT". 3. Pressione o otão "WAYPOINT SEQUENCE" (Sequêni de Ponto de Destino) pr ionr o modo de sequêni de ponto de destino Botão do modo "WAYPOINT SEQUENCE" (Sequêni de Ponto de Destino) Págin M por OUTUBRO 2012

67 Seção 3 - N águ 4. Será produzido um ipe no VesselView e o íone do írulo grnde e verde n tel do Pilot exiirá "TRACK". O íone "TRACK" n tel do VesselView deve ender Íone "TRACK" (Rstremento) n sequêni de ponto de destino 5. Se voê estiver em um zon de proximção de um ponto de referêni definido pelo trçdor de gráfios, o modo Wypoint Sequene somente inform o Preision Pilot pr prosseguir pr o próximo ponto de referêni. Um sequêni de ponto de destino tu omo função de onfirmção do ponto de referêni e, o hegr à zon, o Preision Pilot emite um ipe.! ADVERTÊNCIA Em lguns modos do Preision Pilot "Auto Heding", "Trk Wypoint" e "Wypoint Sequene" o ro nveg onforme um rot predefinid. O ro não responde utomtimente perigos omo outrs emrções, ostáulos, nddores ou identes geográfios sumrinos. A olisão om esses perigos pode usr dnos o ro, ferimentos grves ou morte. O operdor preis permneer no leme, pronto pr se desvir de perigos e visr os outros sore mudnçs de rumo. 6. Pressione Enter pr onfirmr que não há prolem em virr. O otão Enter está no nto superior direito do VesselView e exie um mr de verifição. Um vez feit onfirmção, o Pilot prossegue pr o próximo ponto de referêni n rot. 7. Nesse modo é neessário estr tento, porque o ro mud utomtimente de direção. O operdor preis ser que é seguro guinr qundo emrção estiver entrndo em um zon de proximção de um ponto de referêni. Informe os pssgeiros que o ro guin utomtimente, de form que estejm preprdos. Tel de onfirmção do ponto de referêni M por OUTUBRO 2012 Págin 59

68 Seção 3 - N águ 8. Se voê não estiver n zon de proximção de um ponto de referêni nteriormente definido, o modo "WAYPOINT SEQUENCE" ion sequêni utomáti os pontos de referêni n rot. Confirme que entendeu s informções presentds no viso d tel pop-up e pressione o otão Enter quele om o símolo de um sinl de verifição. Tel de dvertêni instntâne (pop-up) 9. Pressione o otão "TRACK WAYPOINT" A luz no otão "WAYPOINT SEQUENCE" se ende e um ipe é produzido. 10. Pr olor o Preision Pilot em modo Stndy (esper), pressione o otão "TRACK WAYPOINT" um segund vez. Com exeção d "STANDBY" (Esper), tods s outrs luzes se pgrão. Operções eventuis Direção Método lterntivo de emergêni Se o volnte eletrônio deixr de funionr, s lvns de elerção dos motores (lvns do ERC), os ompensdores e o joystik d emrção ind devem funionr. É possível usr os elerdores e os ompensdores omo um lterntiv de emergêni pr guir em águs erts onde não houver ojetos ou outrs emrções ns proximiddes. Pr mnter direção e o rumo, oserve tentmente veloidde usd om d lvn de elerção. É possível justr os ompensdores pr judr guir emrção. É onveniente que um operdor prtique om regulridde guir emrção dest mneir pr estr fmilirizdo om o uso ds lvns de elerção e ompensdores nest situção. O joystik pode ser usdo omo um método lterntivo de direção o operr o ro n vizinhnç de ojetos, dos e outros ros. N operção om o joystik, s RPMs dos motores é limitdo. Operção somente om o motor de omordo O reurso de feedk de forç do volnte só está disponível qundo hve de estiordo estiver n posição ligd. Se hve de estiordo estiver desligd ou se tiver oorrido lgum dno o sistem elétrio de estiordo, o volnte será monitordo pelo sistem de ontrole de omordo. No entnto, se somente o ldo de omordo estiver operionl ou somente hve de omordo estiver n posição ligd, o volnte não terá tentes de prd proporiondos pelo sistem de feedk de forç. Neste so, unidde de propulsão sempre virrá n direção pr onde o volnte estiver sendo girdo té hegr os limites meânios. Se o sistem elétrio de omordo tiver sofrido dnos, o volnte funionrá normlmente om feedk totl de forç e tentes de prd. O ro pode operr omo um emrção de motor únio. É importnte oservr que nest ondição não há joystik nem mnutenção de posto. No entnto, o Zeus ont om reursos redundntes dos sistems de AutoPilot, então os modos Auto Heding e Trk Wypoint ind estão disponíveis n operção om um só motor. Engte de mrh proedimento de emergêni Se um trnsmissão ou sistem elétrio sofreu dnos ou pssou por um ondição d qul resultou um flh, de form que trnsmissão não responde os omndos do leme, é possível engtr um mrh mnulmente. Em um emergêni, om um hve dequd pr ionr o solenóide proprido pr mudnç de mrh, é possível engtr mnulmente um mrh n trnsmissão. Oserve o seguinte: É melhor usr unidde de propulsão que estiver funionndo dequdmente do que trvr e operr o que não estiver. Esse proedimento é pr qundo s dus uniddes de propulsão não estiverem respondendo o omndo do leme Págin M por OUTUBRO 2012

69 Seção 3 - N águ Qundo s mrhs estiverem sendo engtds segundo o proedimento de emergêni, o Auto Heding e o Trk Wypoint funionrão. Se um ds lvns do ERC for movid pr mrh à ré, o motor prrá.! CUIDADO Trvr trnsmissão om mrh engtd segundo o proedimento de emergêni torn o ontrole de mudnç de mrh do leme inopernte. Pilote uiddosmente om mrh engtd e trvd. Pr desengtr um mrh, gire hve de ignição pr posição desligd (OFF). 1. Determine trnsmissão que não está engtndo um mrh. 2. Pre os motores e retire hve d ignição.! ADVERTÊNCIA Os omponentes e fluidos dos motores estão quentes e podem usr ferimentos grves ou morte. Agurde té o motor esfrir ntes de remover omponentes ou rir mngueirs de fluidos. 3. Remov oertur d trnsmissão fetd. Consulte o mnul do proprietário. 4. Lolize o solenóide de mrh pr frente no ldo de omordo d trnsmissão fetd (no fio há um etiquet onde está esrito "Forwrd Ger" ("mrh pr frente")). NOTA: Não mex no solenóide de mrh à ré no ldo de estiordo d trnsmissão fetd (no fio há um etiquet onde está esrito "Reverse Ger ("mrh à ré")). 5. Com um hve hexgonl de 3 mm, gire o prfuso no entro d prte superior do solenóide de mrh pr frente no sentido horário té o finl. 6. A trnsmissão gor está mnulmente engtd e não responderá os omndos do leme pr engte e desengte de mrh. - Solenoide de mrh pr frente - Prfuso do solenoide! ADVERTÊNCIA Um hélie em rotção, um ro em movimento ou qulquer dispositivo sólido preso o ro podem usr ferimentos grves ou morte nddores. Pre o motor imeditmente tods s vezes que lguém, n águ, estiver próximo do seu ro. 7. Verifique se áre o redor ds hélies está livre ntes de dr prtid nos motores, pois s hélies girrão sempre que os motores estiverem funionndo. IMPORTANTE: Não é possível dr prtid nos motores se s lvns do ERC não estiverem em ponto morto, emor trnsmissão estej om mrh mnulmente engtd. 8. Qundo estiver pronto pr dr prtid no motor, posiione lvn do ERC em ponto morto ntes de virr hve pr posição de prtid. NOTA: N prtid do motor onetdo à trnsmissão n onfigurção de emergêni, devido à rg diionl pr girr s engrengens d trnsmissão e hélie, o motor de rrnque pode girr mis lentmente. 9. Tome muito mis uiddo qundo estiver operndo seu ro neste modo de emergêni. N trnsmissão om mrh mnulmente engtd, será neessário desligr o motor pr que hélie pre de girr ou impulsionr. NOTA: Se trnsmissão om mrh mnulmente engtd for olod em mrh à ré, o motor prrá. 10. Leve imeditmente seu ro um ofiin de repros utorizd Merury Diesel e informe que s mrhs form mnulmente engtds. Direção e ompensção Cnelmento mnul O sistem de direção e ompensção funion usndo um oletor hidráulio equipdo om válvuls de ontrole. Se oorrer um flh no oletor do sistem de direção e ompensção, o VesselView deve exiir o ódigo de flh. O tudor d direção, o ilindro de ompensção ou mos podem não responder o ontrole do leme, o que resultrá em perd do ontrole norml d direção ou d ompensção M por OUTUBRO 2012 Págin 61

70 Seção 3 - N águ! CUIDADO Um flh n válvul de ontrole de direção ou n válvul de ontrole de ompensção usrá um flh temporári nos ontroles do leme de ompensção ou d direção d unidde de trção fetdo. Se voê perder o ontrole norml d direção ou d ompensção, reduz veloidde pr operr o ro om segurnç. A tel fornee um mtriz ds informções d unidde de trção e do ompensdor reliond em so de defeito ou flh. Modo de flh Códigos de flh Posição d unidde de trção ou ompensdor Controle do motor Veloidde do Bro Válvul de ontrole de direção emperrd Steering_Spool_Stuk_Fult Emperrdo em qulquer posição O ódigo de flh é visto no VesselView A unidde de trção está em modo de operção reduzid A porentgem de elerção do motor está reduzid A veloidde máxim do ro que pode ser tingid om um únio motor, om um motor desligdo, ou om um unidde de trção que não estej mnorável, vrirá om diferentes modelos. Exeto em so de emergêni, operção norml de um únio motor não deve ultrpssr 50% d elerção. Válvul de ontrole do ompensdor emperrd T_Spool_Stuk_Fult Emperrdo em qulquer posição Sem efeito sore o ontrole do motor Prossig em um veloidde de operção segur reduzid dentro do ilo de trlho. Em so de emergêni, se um válvul de direção ou de ontrole de ompensção estiver emperrd, pode ser possível limpr o ódigo de flh d direção nelndo-se o sistem mnulmente. Um desivo om informções sore lolizção ds válvuls de ontrole espeífis está fixdo n tmp d unidde de trção (se equipdo) e no suporte fixdo no oletor d direção em todos os modelos. Consulte seçãoproedimento pr um válvul de ontrole d direção emperrd ou Proedimento pr um válvul de ontrole do ompensdor emperrd pr oter informções diionis. - Adesivo - Coletor hidráulio d direção e ompensção Botões de nelmento mnul n frente do oletor - Botão de nelmento de orientção estiordo - Botão de nelmento de ompensção pr ixo - Coletor hidráulio. Págin M por OUTUBRO 2012

71 Seção 3 - N águ Botões de nelmento mnul n trseir do oletor - Coletor hidráulio. - Botão de nelmento d ompensção pr im - Botão de nelmento de orientção omordo! ADVERTÊNCIA A prtid identl do motor pode usr ferimentos grves ou morte. Remov hve d ignição e ione o interruptor de prd de emergêni ou o interruptor de desligmento por ord pr evitr que o motor ligue durnte relizção do serviço ou mnutenção no onjunto de potêni. Proedimento pr um válvul de ontrole d direção emperrd 1. Determine unidde de trção que não está respondendo o ontrole d direção. 2. Desligue o motor e desligue hve de ignição. Agurde pelo menos 30 segundos, se possível. 3. Ligue o motor novmente. Confirme se flh d direção foi pgd. 4. Se flh d direção não pgr, repit rotin de ligr/desligr té três vezes. 5. Se flh d direção não pgr usndo o proedimento im, então mude trnsmissão pr ponto morto, desligue o motor, desligue hve de ignição e pressione lterndmente os otões de nelmento mnul d direção de omordo e estiordo pr lierr o rretel. Consulte o desivo no suporte do oletor ou no ldo de omordo d tmp d unidde de trção, se equipdo, pr oter informções diionis. 6. Ligue o motor novmente. No leme, vire unidde de trção pr omordo e estiordo pr onfirmr se flh foi limp. Se flh Steering_Spool_Stuk permneer, desligue o motor e desligue hve de ignição do ionmento que não responde. Opere outro motor e unidde de trção. Consulte Operção somente om o motor de omordo, se unidde de trção de estiordo estiver desligd. NOTA: A veloidde do ro e mnorilidde serão reduzids. Proedimento pr um válvul de ontrole do ompensdor emperrd 1. Determine unidde de trção que não está respondendo o ontrole d ompensção. 2. Desligue o motor e desligue hve de ignição. Agurde pelo menos 30 segundos, se possível. 3. Ligue o motor novmente. Confirme se flh do ompensdor foi limp. 4. Se flh do ompensdor não pgr, repit rotin de ligr/desligr té três vezes. 5. Se flh do ompensdor não pgr usndo o proedimento im, então mude trnsmissão pr ponto morto, desligue o motor, desligue hve de ignição e pressione lterndmente os otões de nelmento mnul d ompensção pr im e ompensção pr ixo pr lierr o rretel. Consulte o desivo no suporte do oletor ou no ldo de omordo d tmp d unidde de trção, se equipdo, pr oter informções diionis. 6. Ligue o motor novmente. No leme, ompense pr im e pr ixo pr onfirmr se flh foi limp. Se flh T_Spool_Stuk permneer, desligue o motor e desligue hve de ignição do ionmento que não responde. Opere outro motor e unidde de trção. Consulte Operção somente om o motor de omordo, se unidde de trção de estiordo estiver desligd. NOTA: A veloidde do ro e mnorilidde serão reduzids. Pode oorrer sorevirgem ou inlinção do ro om n posição pr ixo. Finl d Verifição d Primeir Tempord No finl d primeir tempord de operção, ontte um ofiin meâni utorizdo pr disutir ou relizr s mnutenções progrmds. Se estiver em um áre onde o produto é operdo ontinumente o no todo, voê deve entrr em ontto om o seu revendedor depois ds primeirs 100 hors de operção, ou um vez por no, o que oorrer primeiro. 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 63

72 Seção 3 - N águ Nots: Págin M por OUTUBRO 2012

73 Índie Seção 4 - Espeifições Seção 4 - Espeifições Lurifinte ds engrengens d trnsmissão Trnsmissão Óleo do Atudor de Direção e Compensdor Tints provds Lurifintes provdos M por OUTUBRO 2012 Págin 65

74 Seção 4 - Espeifições Lurifinte ds engrengens d trnsmissão Modelo Cpidde de fluido (inluindo unidde de trção e o monitor de lurifinte d ix de mrh) Tipo de fluido Número de peç do fluido Zeus (durnte o período de mimento) 5-1/4 L (4,7 0,4 L [5-1/2 qurtos estdunidenses]) Lurifinte de Engrengens Premium K01 Zeus (pós o período de mimento) 5 1/4 L (4,7 0,4 L [5 1/2 qurtos estdunidenses]) Lurifinte de engrengens de lto desempenho K01 Trnsmissão IMPORTANTE: Use sempre vret medidor de nível pr determinr quntidde ext de lurifinte (ou fluido) neessári. Trnsmissão sem ix de olet Desrição Cpidde de fluido Tipo de fluido Número de peç do fluido Trnsmissão somente (sem ix de olet) 4 L (3,7 0,2 L [4 1/4 qurtos estdunidenses]) Fluido sintétio de direção hidráuli SAE 0W K01 Trnsmissão om ix de olet Desrição Cpidde de fluido Tipo de fluido Número de peç do fluido Trnsmissão e ix de olet 5-1/4 L (4,7 0,4 L [5 1/2 qurtos estdunidenses]) Fluido sintétio de direção hidráuli SAE 0W K01 Trnsmissão om ix de olet e resfridor do óleo d trnsmissão remot (montdo no motor) Desrição Cpidde de fluido Tipo de fluido Número de peç do fluido Trnsmissão, ix de olet e resfridor remoto de óleo (montdo no motor) 5-1/2 L (5,6 L [6 qurtos estdunidenses]) Fluido sintétio de direção hidráuli SAE 0W K01 Óleo do Atudor de Direção e Compensdor Desrição Cpidde de fluido Tipo de fluido Número de peç do fluido Sistem do tudor de direção e de ompensdores 5-3/4-6 L (5,6 5,6-0,3 L [6 6-1/3 qurtos estdunidenses]) Fluido sintétio de direção hidráuli SAE 0W K01, 1/4 L (8 oz) K01, 1 L (0,94 L [1 qurto estdunidense]) Tints provds Desrição Número de peç Tint mrítim rno nuvem 8M Merury Light Gry Primer (Bse de tint inz-lro d Merury) Merury Phntom Blk (Tint pret Phntom d Merury) Q1 Lurifintes provdos Nº de ref. do tuo Desrição Onde é Usdo Nº de peç 120 Proteção ontr orrosão Superfíies externs unidde de trção 42 Grx pr o rolmento do mnl e junt universl Junt desliznte do eixo de trnsmissão 94 Grx Antiorrosão Eixos ds hélies Págin M por OUTUBRO 2012

75 Índie Seção 5 - Mnutenção Seção 5 - Mnutenção Responsiliddes do produto Responsiliddes do Proprietário e Operdor Responsiliddes do onessionário Sugestões de mnutenção que voê mesmo pode fzer...68 Inspeção gerl do onjunto de potêni Lolizção dos pontos de mnutenção d unidde de trção Estiordo Bomordo Superior Cix de olet Cronogrms de mnutenção Aplição Mnutenção de rotin Mnutenção progrmd Inspeção do ânodo de srifíio Zeus Pod Registro de Mnutenção Tmp d unidde de trção, se equipdo Remoção d oertur d trnsmissão Limpez e inspeção d oertur d trnsmissão Instlção d oertur d trnsmissão Lurifinte d engrengem d unidde de trção Lurifinte ds engrengens d trnsmissão Verifição Enhimento Tro do lurifinte do ionmento d engrengem...80 Com o ro n águ Com o ro for d águ Óleo hidráulio do tudor de direção e ompensdor Verifição Enhimento Tro Óleo (fluido) d trnsmissão e filtro Verifição do nível do óleo d trnsmissão Enhimento Tro Sistem de águ slgd Drengem do sistem de águ do mr Bro for d águ Bro n águ Verifição d olet de águ do mr d unidde de trção Lvgem do sistem de águ slgd Bteri Sistem elétrio Sistem de rrefeimento e de espmento Lurifição Junt desliznte do eixo de trnsmissão Junts universis do eixo de trnsmissão Eixo d hélie Corrosão e proteção ontr orrosão As uss d orrosão Proteção ntiorrosão Anodos e sistem MerCthode Fio do eletrodo de referêni do sistem MerCthode Anodo MerCthode Verifição Sustituição Teste do sistem MerCthode Anodo do ompensdor Verifição Sustituição Ciruitos de Continuidde Iniição de orrosão Pintur do ro Hélies Remoção d hélie Repro d hélie Instlção d hélie M por OUTUBRO 2012 Págin 67

76 Seção 5 - Mnutenção Responsiliddes do produto Responsiliddes do Proprietário e Operdor É responsilidde do operdor exeutr tods s verifições de segurnç pr grntir que tods s instruções de mnutenção e lurifição sejm umprids, pr operção segur e retornr unidde pr um ofiin meâni Merury Diesel utorizd pr verifição periódi. O serviço de mnutenção norml e sustituição de peçs são responsilidde do proprietário ou operdor e, portnto, não são onsiderdos defeitos de frição ou de mteril segundo os termos d grnti. O uso e os háitos individuis de operção ontriuem pr neessidde do serviço de mnutenção. A mnutenção e o uiddo dequdos do onjunto de potêni ssegurrão o desempenho e onfiilidde ideis e mnterão tods s despess geris de operção em um vlor mínimo. Consulte um ofiin meâni utorizd pel Merury Diesel pr oter ssistêni. Responsiliddes do onessionário Em gerl, s responsiliddes do onessionário pr om o onsumidor inluem inspeção ntes d entreg e preprção, tl omo: Antes d entreg, onfirmr que o grupo de potêni e outros equipmentos estão em ondições de operção dequds. Fzer todos os justes neessários pr oter o máximo de efiiêni. Explir e demonstrr operção do onjunto de potêni e do ro. Forneer um ópi d List de Verifição de Inspeção Antes d Entreg. Preenher totlmente o Crtão de Registro de Grnti e enviá-lo pr fári imeditmente pós vend de um produto novo. Todos os onjuntos de potêni devem ser registrdos pr fins de grnti. Sugestões de mnutenção que voê mesmo pode fzer Os onjuntos de potêni Merury são peçs extremmente ténis e omplexs d máquin. Apens pessos qulifids usndo s ferrments dequds devem tentr repros grndes. Noss preoupção é om su segurnç. Lei sempre e entend s notifições de Cuiddo, Advertênis, Notifições Importntes e Nots. Não tente efetur repros menos que sej espeifimente treindo nquele proedimento. Consulte o mnul de serviço orreto pr o produto. Não tente efetur repros menos que sej qulifido. São neessário equipmentos e ferrments espeiis pr relizção de lguns repros. Deixr se usr equipmentos e ferrments espeiis orrets pode resultr em dnos grves o produto. Sempre fç mnutenção de seu onjunto de potêni em um ofiin meâni utorizd Merury Diesel e fç s inspeções de mnutenção periódi pr proporionr um psseio de ro seguro e sem prolems. Inspeção gerl do onjunto de potêni Inspeione o onjunto de potêni em intervlos regulres, pr judr mnter o máximo de desempenho e evitr prolems poteniis ntes que estes oorrm. Verifique tentmente todo o onjunto de potêni, inlusive todos os omponentes dos motores e d trnsmissão. Pr oter informções sore inspeção do motor, onsulte o mnul dequdo. 1. Verifique se não há peçs solts, dnifids ou fltndo, mngueirs e rçdeirs. Aperte ou sustitu, onforme neessário. 2. Verifique se não há dnos ns ligções elétris e nos fios. 3. Remov e inspeione s hélies. Se els tiverem entlhes, estiverem empends ou trinds, entre em ontto om su ofiin de repro utorizd Merury Diesel. 4. Repre entlhes e dnos usdos pel orrosão no mento externo do onjunto de potêni. Entre em ontto om su ofiin de repro utorizd Merury Diesel. Págin M por OUTUBRO 2012

77 Seção 5 - Mnutenção Ao inspeionr o onjunto de potêni e trnsmissão, lemre-se que ertos omponentes podem ser dnifidos pelo peso de um pesso e não devem ser usdos om um degru ou poio. Há desivos nos omponentes d trnsmissão que indim os lois onde voê não pode pisr. Não piso nos omponentes que ontenhm um desivo Adesivo olodo onde não é permitido pisr. A oertur d trnsmissão Zeus protege e sepr lguns omponentes pós su instlção. A oertur d unidde de trção proporion proteção diionl ontr dnos mngueirs e outros omponentes, resultnte do trito meânio ns mngueirs durnte operção ou dnos mngueirs, omo pisds durnte o serviço ou mnutenção. Mntenh tmp d unidde de trção instld, exeto qundo removid pr serviços. Coertur d unidde de trção típi Pr oter informções sore remoção d tmp d trnsmissão, onsultetmp d trnsmissão, se equipdo Lolizção dos pontos de mnutenção d unidde de trção Estiordo j d h f g e - Válvul de retorno (desrg) de águ do mr (se equipdo) - Tmpão de drengem do fluido d trnsmissão. - Arrefeedor do óleo hidráulio d - Conexão d síd do espmento e - Síd do retorno de águ do mr do motor f - Derivção d águ do mr do silenioso g - Válvul do porão de entrd de águ do mr h - Tmpão de drengem do óleo hidráulio i - Tmpão de drengem d ix de engrengens j - Reservtório de óleo hidráulio i M por OUTUBRO 2012 Págin 69

78 Seção 5 - Mnutenção Bomordo d e f - Válvul de fundo d entrd d águ do mr (se montd n unidde de trção) - Eixo de trnsmissão (so lindgem, se equipdo) - Proteção do eixo de trnsmissão d - Asteimento do monitor de lurifição d engrengem e - Filtro de fluido hidráulio f - A de ompensção e pls de nodo g - Eixo d hélie g Superior h g f e d - Vret medidor de nível d trnsmissão - Tmp de steimento do monitor de lurifição d engrengem - Cotovelo de espe d - Prfusos d lindgem do eixo de trnsmissão e - Brçdeirs do espe superior f - Brçdeirs do espe inferior g - Filtro d trnsmissão h - Anodos Cix de olet Cronogrms de mnutenção Aplição Tmp ou tmpão de drengem Os ronogrms seguir referem-se à unidde de trção Zeus e à onexão do eixo de trnsmissão, e não o motor. Pr oter informções sore ronogrms e proedimentos de mnutenção do motor, onsulte o Mnul de operção e mnutenção disponível trvés do frinte do motor. Págin M por OUTUBRO 2012

79 Seção 5 - Mnutenção NOTA: Ns lists de mnutenção, plvr verifir signifi fzer um inspeção visul e, em seguid, orreção, sustituição ou repro orrespondentes do item. Mnutenção de rotin Intervlo d tref Prtid diári e resteimento A d dois meses de operção Mnutenção ser feit Verifique o nível do óleo (fluido) do tudor de direção e dos ompensdores. Verifir o nível do lurifinte n ix de mrh no monitor orrespondente. Verifique o nível do óleo (fluido) d trnsmissão. Verifique s onexões e o nível de fluido d teri. Trte os omponentes do onjunto de potêni no interior do ro om protetor ontr orrosão, pr proteger o produto. Verifique se s onexões dos medidores e dos fios estão em pertds. Limpe os medidores ( d dois meses ou d 50 hors, o que oorrer primeiro. Se estiver nvegndo em águ slgd, o intervlo deve ser reduzido pr 25 hors ou 30 dis, o que oorrer primeiro). Mnutenção progrmd IMPORTANTE: A ix de âmio do ionmento e o monitor de lurifição de engrengens no ro form steidos om um lurifinte de engrengens pr o período de mimento. O lurifinte de mimento deve ser trodo depois de 25 hors e ntes de 30 hors de operção pr evitr o desgste premturo ds engrengens. A or do lurifinte de engrengens pr o período de mimento é mrrom. Drene o lurifinte de mimento d trnsmissão e do monitor de lurifição de engrengens e enh om o lurifinte indido. Consulte Lurifinte de Engrengens d Trnsmissão. Intervlo d tref Após s primeirs 25 hors de operção e não ultrpssndo 30 hors de operção A d 250 hors de funionmento ou um vez o no (o que oorrer primeiro) A d 500 hors de funionmento ou um vez o no (o que oorrer primeiro) A d 1000 hors de operção ou dois nos (o que oorrer primeiro) Sempre que o ódigo de flh do VesselView "Flh de filtro sujo", "Flh de filtro entupido" for exiido Mnutenção ser feit Tror o óleo (fluido) e filtro d trnsmissão, inlusive o óleo d trnsmissão n ix de olet, so instld. Tror o lurifinte d ix de engrengens d trnsmissão e do monitor de lurifição ds engrengens. (Est tref pode ser relizd om o ro n águ). Aperte os prfusos e s pors d onexão do eixo de trnsmissão. Inspeionr e lurifir s junts deslizntes do eixo de trnsmissão. Inspeione s junts universis do eixo de trnsmissão, lurifique-s se estiverem equipds om grxeirs. Tror o lurifinte d ix de engrengens d trnsmissão e do monitor de lurifição ds engrengens. Tror o óleo (fluido) e filtro d trnsmissão, inlusive o óleo d trnsmissão n ix de olet, so instld. Lurifique s rnhurs do eixo d hélie e perte s pors d hélie de ordo om s espeifições. Inspeione se não há vzmentos ou dnos ns onexões e mngueirs do sistem hidráulio no propulsor. Verifique o perto ds onexões ds mngueirs. Verifir desão (ontinuidde) do iruito em us de onexões solts ou dnifids. Testr síd d unidde MerCthode. Verifir se há omponentes de fixção soltos, dnifidos ou orroídos no sistem elétrio. Verifique se há fios ou onetores soltos, dnifidos ou orroídos. Inspeionr se há dnos ou vzmentos nos omponentes do sistem de resfrimento d unidde de trção. Verifir o perto ds rçdeirs ds mngueirs. Verifique se s erturs de entrd de águ do oletor de águ do mr estão limps e não ostruíds. Inspeione se há dnos ou vzmentos ns onexões do sistem de espmento d unidde de trção. Verifir o perto ds rçdeirs ds mngueirs. Trte os omponentes do onjunto de potêni no interior do ro om protetor ontr orrosão, pr proteger o produto. Sustitu s junts universis do eixo de trnsmissão. Troque o óleo hidráulio e o filtro do sistem de direção e ompensção. (Consulte s informções sore tro do tudor d direção e do óleo hidráulio d ompensção). 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 71

80 Seção 5 - Mnutenção Inspeção do ânodo de srifíio Zeus Pod IMPORTANTE: Os ânodos de srifíio são feitos de tipos espeífios de metis ou ligs. Os ânodos de lumínio devem se orroer e se srifir pr proteger seção de lumínio do onjunto de potêni que está n águ. Os ânodos de srífio de um ionmento Zeus pod devem ser inspeiondos periodimente. N miori ds plições, os ânodos de srifíio d de ompensção do ionmento do pod são difíeis de inspeionr om o ro n águ e podem não ser visíveis té que o ro sej removido d águ. As ondições d águ em que o ro está nordo podem fzer om que os ânodos sofrm erosão rpidmente, diminuindo proteção do pod drive. Um umento d veloidde n águ trvés de orrentezs ou mrés ument tx de orrosão dos metis. Isso oorre porque águ que flui põe mis águ em ontto om o metl e, portnto, tmém mis oxigênio em ontto om o metl. A Merury Mrine reomend relizção de um inspeção visul dos ânodos do pod drive d 30 dis ou om mior frequêni se o ro estiver trdo em lois om orrentezs ou mrés mis rápids. A progrmção dess inspeção pode não ser práti em lgums situções. É neessário onsultr ofiin lol de repros utorizd d Merury Mrine pr informr-se sore s opções n inspeção e ânodos do pod drive. Registro de Mnutenção Anote qui tods s mnutenções relizds em seu onjunto de potêni. Gurde tods s ordens de serviço e reios. Págin M por OUTUBRO 2012

81 Dt Mnutenção Exeutd Hors do Motor Seção 5 - Mnutenção Tmp d unidde de trção, se equipdo Remoção d oertur d trnsmissão NOTA: A prte superior d oertur d trnsmissão ontém um pinel que proporion esso o tmpão de enhimento no monitor de lurifinte ds engrengens e à vret de medição do fluido de trnsmissão sem que sej neessário remover oertur tod. 1. Remov os três prfusos superiores (omordo e estiordo) que prendem oertur lterl à oertur superior. 2. Remov os dois prfusos inferiores que prendem oertur do ldo de omordo à seção entrl. 3. Remov o prfuso inferior que prende oertur do ldo de estiordo à seção entrl. 4. Remov s dus oerturs lteris 5. Remov os dois prfusos superiores. 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 73

82 Seção 5 - Mnutenção 6. Erg e remov prte superior d oertur d trnsmissão. f e d Coertur de trnsmissão típi - Prfuso superior (6) - Prfuso inferior (3) - Coertur lterl de omordo d - Prte superior d oertur d trnsmissão e - Coertur lterl de estiordo f - Prfuso superior (2) Limpez e inspeção d oertur d trnsmissão 1. Limpe e enere freqüentemente usndo produtos de limpez e er pr ros. 2. Inspeione d omponente individul d oertur em us de fissurs ou dnos e, se neessário, sustitu. Instlção d oertur d trnsmissão 1. Instle uiddosmente tmp superior n unidde de trção. Alinhe tmp om os dois furos rosquedos n trnsmissão de onde os néis de içmento form removidos. - Tmp superior - Furos rosquedos Instle um rruel grnde em d um dos prfusos superiores d tmp. 3. Instle os dois prfusos. Aperte os prfusos onforme s espeifições. - Prfuso superior d tmp - Arruel - Torquímetro Págin M por OUTUBRO 2012

83 Seção 5 - Mnutenção Desrição Nm l.-pol. l.-pé Prfuso superior d tmp Instle tmp lterl de estiordo usndo qutro prfusos. - Tmp de estiordo - Prfuso (4) Alinhe e insir tmp de estiordo n rnhur d seção d ompensção H n tmp de omordo. 6. Instle tmp lterl de omordo usndo ino prfusos. NOTICE Push-T rim Down Push- Steer to STBD Steering nd Trim Mnul Override Buttons. Refer to Opertion mnul for proedure. 8M Push-T rim Up Push- Steer to POR T d Tmp do ldo de omordo típi - Prfuso (5) - Tmp de omordo - Compensção H d - Adesivo informtivos 7. Aperte os três prfusos inferiores e os seis superiores d tmp de ordo om s espeifições. Desrição Nm l/pol. l/pé Prfusos superiores d tmp Prfusos inferiores d tmp Instle tmp de esso. 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 75

84 Seção 5 - Mnutenção. Insir um presilh moldd n extremidde posterior d tmp de esso so ord reortd d prte superior d tmp. - Tmp de esso - Presilh moldd - Bord reortd. Alinhe tmp de esso om ertur d tmp superior.. Pressione uniformemente n extremidde dinteir d tmp de esso. A tmp de esso se enix n posição instld Conlusão d instlção d tmp de esso Lurifinte d engrengem d unidde de trção Lurifinte ds engrengens d trnsmissão AVISO A desrg de óleo, fluido de rrefeimento ou outros fluidos do motor/trnsmissão no miente são proiidos por lei. Qundo fizer mnutenção do seu ro, não derrme nem jogue óleo, fluido de rrefeimento nem outros fluidos no meio miente. Informe-se sore s leis que trtm do desrte ou reilgem de lixo e ontenção ou desrte de fluidos, onforme for neessário. O sistem de lurifição ds engrengens d trnsmissão inlui um grrf de plástio trnslúido usd pr monitorr o nível do lurifinte ds engrengens d trnsmissão. O monitor inlui um sensor que pode detetr um nível ixo de lurifinte ds engrengens d trnsmissão e emitir um lrme sonoro ou visul. Os proedimentos deverifição eenhimento presentdos são pr situções onde o nível de lurifinte ds engrengens d trnsmissão no monitor estiver ixo, ms om o lurifinte ind visível. O orreto é enher o monitor té o nível espeifido sempre que o lurifinte ind estiver visível. Em lgums osiões, omo no so de vzmento de um vedção, o nível do lurifinte ds engrengens d trnsmissão pode ter desido demis e não hver lurifinte visível no monitor. Nests situções o operdor deve ter reeido um lrme sonoro ou visul de nível ixo de lurifinte ds engrengens d trnsmissão. Nesse so, enher o sistem trvés do monitor de lurifinte ds engrengens d trnsmissão (qundo não houver lurifinte visível no monitor) não é orreto e são neessários pssos diionis onforme desrito n telresumo de eventos.. IMPORTANTE: Se o monitor de lurifinte ds engrengens d trnsmissão estiver vzio, tentr enher o monitor trvés d ertur nele existente pode usr retenção de r no sistem de lurifição ds engrengens d trnsmissão. O r retido pode fzer om que no monitor o nível de lurifinte preç estr orreto, ms ind estej ixo ou insufiiente no sistem. Os pssos pr mnutenção orret do nível de lurifinte de lurifinte ds engrengens d trnsmissão pode ser resumido pel seguinte tel: Págin M por OUTUBRO 2012

85 Seção 5 - Mnutenção Tel de resumo de eventos Evento Bixo sem lrme Bixo om lrme, lurifinte ixo, ms visível no monitor Monitor vzio e lrme Tref Enh o monitor de lurifinte ds engrengens d trnsmissão té o nível espeifido. ConsulteEnhimento. Remov tmp lterl d unidde de trção, se equipdo. Enh unidde om pressão trvés do omndo de direção té o lurifinte preer no monitor, n linh de "NÍVEL DE CHEIO - FRIO". Consulte os pssos que devem ser exeutdos n seçãotros - om o ro n águ e enh trnsmissão trvés do omndo de direção. Verifição IMPORTANTE: Durnte operçã unidde de trção o nível no monitor de lurifinte d trnsmissão suirá e deserá; verifique sempre o nível do lurifinte qundo trnsmissão estiver fri e o motor estiver desligdo. NOTA: É norml diionr um pequen quntidde de lurifinte de engrengem nos intervlos de tro. IMPORTANTE: Se o nível de lurifinte d engrengem estiver ixo d linh "NÍVEL DE ABASTECIMENTO FRIO" qundo verifido (espeilmente pós s primeirs vezes em que o ro for operdor por um período longo) ou se o lurifinte de engrengens preisr ser resentdo frequentemente, pode hver perd de lurifinte omo um vzmento d vedção. Os vzmentos podem resultr em flt de lurifição, o que dnifirá unidde de trção. Inspeione unidde de trção se oorrer flt de lurifinte. Entre em ontto om su ofiin meâni utorizd Merury Diesel. 1. Em modelos equipdos om tmp d trnsmissão:. Inspeione o nível de lurifinte de engrengens no monitor. - Coertur lterl de omordo - Monitor de lurifição ds engrengens - Tmp de esso Se neessário, remov tmp de esso d tmp d unidde de trção. - Tmp de esso - Presilh moldd - Bord reortd. Remov tmp do monitor de lurifinte d trnsmissão. 2. Pr verifir o nível de lurifinte ds engrengens d trnsmissão om oertur d trnsmissão removid, onsulte:remoção d oertur d trnsmissão M por OUTUBRO 2012 Págin 77

86 Seção 5 - Mnutenção 3. Inspeione o nível do lurifinte d trnsmissão no monitor orrespondente. O nível do lurifinte ds engrengens deve estr em "NÍVEL DE ABASTECIMENTO FRIO" (linh de heio qundo frio) e "NÍVEL MÁXIMO DE OPERAÇÃO" (nível máximo de operção) (linh de heio qundo quente) "NÍVEL DE ABASTECIMENTO FRIO" (linh de heio qundo frio) NOTA: Após o funionmento d unidde de trção pod, om o lurifinte quente, o fluido expnde e pode hegr té o "NÍVEL MÁXIMO DE OPERAÇÃO" (linh de heio qundo quente) "NÍVEL MÁXIMO DE OPERAÇÃO" (linh de heio qundo quente) IMPORTANTE: Se voê oservr qulquer quntidde de águ n prte inferior do monitor de lurifinte de engrengens ou se o lurifinte de engrengens prentr estr desolorido, entre em ontto om um ofiin de repros utorizd Merury Diesel imeditmente. Ests ondições podem indir um vzmento de águ n trnsmissão. 4. Se o nível estiver inferior o "NÍVEL DE ABASTECIMENTO FRIO" (linh de heio qundo frio), onsulte Enhimento. NOTA: O lurifinte de engrengens premium usdo durnte o período de mimento tem or mrrom e deve ser trodo pós s 25 hors de mimento. A or do lurifinte de engrengens de lto desempenho, usdo pós o mimento, é zul. Não misture os lurifintes de engrengem. 5. Se tmp for removid, ertifique-se de que gxet d tmp do monitor de lurifição d engrengem estej posiiond orretmente e instle tmp. Não perte demis. - Monitor de lurifinte de engrengens - Tmp Instle oertur d trnsmissão se est foi removid. ConsulteInstlção d oertur d trnsmissão. 7. Se o seu modelo está equipdo om um oertur d unidde de trção, instle oertur de esso. Págin M por OUTUBRO 2012

87 Seção 5 - Mnutenção. Insir um presilh moldd n extremidde posterior d tmp de esso so ord reortd d tmp. - Tmp de esso - Presilh moldd - Bord reortd. Alinhe tmp de esso om ertur d tmp superior.. Pressione uniformemente n frente d tmp de esso. Poderá ser ouvido um lique qundo tmp de esso se enixr n posição finl Enhimento Conlusão d instlção d tmp de esso Se o nível de lurifinte d trnsmissão estiver ixo d linh "NÍVEL DE CHEIO - FRIO", diione o lurifinte espeifido. 1. Remov tmp do monitor de lurifinte d trnsmissão Exiido sem tmp d unidde de trção - Monitor de lurifição ds engrengens - Tmp NOTA: O lurifinte de engrengens premium usdo durnte o período de mimento tem or mrrom e deve ser trodo pós s 25 hors de mimento. A or do lurifinte de engrengens de lto desempenho, usdo pós o mimento, é zul. Não misture os lurifintes de engrengem. 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 79

88 Seção 5 - Mnutenção 2. Enh o monitor om o lurifinte pr trnsmissão espeifido, de form que o nível estej n linh "COLD FILL LEVEL" (linh de heio qundo frio). Não enh demis Linh "NÍVEL DE ABASTECIMENTO FRIO" (linh de heio qundo frio) Nº de ref. do tuo Desrição Onde é Usdo Nº de peç 82 Lurifinte de Engrengens Premium 87 Lurifinte de trnsmissão de lto desempenho Monitor do lojmento de engrengens e monitor de lurifição de engrengens durnte o período de mimento (s primeirs 25 hors ms sem exeder 30 hors de funionmento). Alojmento de engrengens e monitor de lurifinte de engrengens depois do período de mimento (depois ds primeirs hors de funionmento) Q Q01 3. Verifique se gxet de orrh está dentro d tmp do monitor de lurifinte d trnsmissão e instle tmp. Não perte demis. NOTA: Após o funionmento d trnsmissão, om o lurifinte quente, o fluido expnde e pode hegr té o "NÍVEL MÁX. DE OPERAÇÃO" (linh de heio qundo quente) Linh "NÍVEL MÁXIMO DE OPERAÇÃO" (linh de heio qundo quente) Tro do lurifinte do ionmento d engrengem NOTA: Troque o lurifinte d engrengem de trnsmissão qundo trnsmissão estiver n tempertur de operção. Um lurifinte mis quente flui om mis filidde, rrst mis impurezs e é mis fáil de remover d trnsmissão. Com o ro n águ 1. Coloque pnos ou outro mteril sorvente o redor d áre pr restringir qulquer lurifinte derrmdo. 2. Remov o prfuso de enhimento e drengem do omndo de direção. Modelo de ix dptdor exiido, tudo similr - Prfuso de enhimento e drengem - Atudor d direção Págin M por OUTUBRO 2012

89 Seção 5 - Mnutenção 3. Instle rpidmente o dptdor de lurifição de engrengens espeil om rruel no furo om ross do prfuso de drengem e steimento. - Por e rruel de oplmento - Adptdor - Ross dentro do tudor d direção (9,5 mm [3/8 pol.-16 UNC]) Desrição Número d peç Adptdor de lurifinte de engrengem A1 4. Instle um dptdor mho om extremidde dupl dequdo no dptdor de lurifição d engrengem. Adptdor típio - Adptdor mho om extremidde dupl - Arruel e dptdor do lurifinte de engrengem Conete um om de óleo de árter ou um om dequd pr lurifição de engrengens de trnsmissão. Exiido desmontdo pr mior lrez visul - Arruel e dptdor do lurifinte de engrengem - Bom de óleo do árter. - Adptdor mho om extremidde dupl Bom de óleo de árter A 5 Auxili n remoção do lurifinte d engrengem d trnsmissão sem drená-l trvés d unidde de trção M por OUTUBRO 2012 Págin 81

90 Seção 5 - Mnutenção 6. Remov tmp do monitor de lurifinte d trnsmissão. Exiido sem tmp d unidde de trção - Monitor de lurifição ds engrengens - Tmp 7. Opere om de óleo do árter e remov o lurifinte de engrengens d unidde de trção. Bomeie o lurifinte d trnsmissão pr um reipiente dequdo. Desrte o lurifinte de engrengens dequdmente. IMPORTANTE: Se sir águ do furo de enhimento e drengem ou se o lurifinte d trnsmissão preer leitoso, é sinl de que trnsmissão está om vzmento. Entre em ontto om su ofiin de repros utorizd Merury Diesel imeditmente. 8. Remov om de óleo do árter e os dois dptdores. 9. Fixe om de lurifinte de engrengem espeifid ou equivlente.. Lolize o dptdor forneido om om do lurifinte de engrengens. Desrição Número d peç Bom do lurifinte de engrengens Quiksilver Q1. Monte rruel de vedção, o espçdor e rruel de vedção n extremidde rosqued do dptdor. NOTA: O espçdor é neessário pr evitr que o dptdor sej rosquedo lém do orifíio no furo de steimento e drengem do tudor d direção. O dptdor deve ser rosquedo proximdmente 7 mm (1/4 pol.), no lojmento do tudor. - Adptdor - Arruel de vedção - Espçdor Qtd. Desrição Número d peç 1 Espçdor Arruel de vedção Instle e perte om s mãos o onjunto do dptdor no furo de steimento e drengem do tudor d direção. IMPORTANTE: Use lurifinte de trnsmissão de lto desempenho Merury ou Quiksilver. d. Fixe om de lurifinte de engrengem em um reipiente do lurifinte de engrengem espeífio. - Conjunto do dptdor - Bom de lurifinte de engrengem Págin M por OUTUBRO 2012

91 Seção 5 - Mnutenção Modelo de unidde de trção Cpidde dos fluidos (inlui unidde de trção de pop e o monitor de lurifinte de engrengens) Tipo de fluido Número de peç do fluido Zeus 5-1/4 L (4,7 0,4 L [5 1/2 qurtos estdunidenses]) Lurifinte de engrengens de lto desempenho 10. Aione om de lurifinte de engrengem e omee steer unidde de trção K01, 1 L (0,94 L [1 qurto estdunidense]) Q01, 9,5 L (2,3 L [2,5 qurtos estdunidenses]) 11. Continue omer lurifinte n trnsmissão té o lurifinte preer no monitor, n linh de "NÍVEL DE CHEIO - FRIO". Não enh demis. Linh de "NÍVEL DE CHEIO - FRIO" 12. Remov om de lurifinte de engrengem e o onjunto do dptdor. Instle rpidmente rruel e o prfuso de enhimento e drengem do tudor de direção. Aperte o prfuso de enhimento e drengem de ordo om espeifição. Desrição Nm l/pol. l/pé Prfuso de enhimento e drengem do omndo de direção Se o nível estiver ixo, steç o monitor de lurifinte de engrengem té linh "NÍVEL DE ABASTECIMENTO FRIO". ConsulteEnhimento. 14. Verifique se gxet de orrh está dentro d tmp do monitor de lurifinte d trnsmissão e instle tmp. Não perte demis. 15. Verifique novmente o nível do lurifinte d trnsmissão no monitor depois d primeir utilizção. ConsulteVerifição. IMPORTANTE: Durnte operçã unidde de trção o nível no monitor de lurifinte d trnsmissão suirá e deserá; verifique sempre o nível do lurifinte qundo trnsmissão estiver fri e o motor estiver desligdo. Com o ro for d águ! ADVERTÊNCIA Hélies em movimento podem usr ferimentos grves ou morte. Nun opere o ro for d águ om um hélie instld. Antes de instlr ou remover um hélie, retire hve d ignição, ponh o âmio em ponto morto e ione hve E-stop (prd de emergêni pr impedir prtid do motor. 1. Remov s hélies de propulsão. Consulte Hélies Remov o prfuso de enhimento e drengem d ix de âmio e rruel de vedção. - Cix de âmio - Prfuso de enhimento e de drengem e rruel de vedção M por OUTUBRO 2012 Págin 83

92 Seção 5 - Mnutenção 3. Remov tmp do monitor de lurifinte d trnsmissão. Exiido sem tmp d unidde de trção - Monitor de lurifição ds engrengens - Tmp Drene o lurifinte d trnsmissão pr um reipiente dequdo. IMPORTANTE: Se sir águ do furo de enhimento e drengem ou se o lurifinte d trnsmissão preer leitoso, é sinl de que trnsmissão está om vzmento. Entre em ontto om su ofiin de repros utorizd Merury Diesel imeditmente. 5. Agurde drengem totl do lurifinte d trnsmissão. Desrte o lurifinte de engrengens dequdmente. IMPORTANTE: Use lurifinte de trnsmissão de lto desempenho Merury/Quiksilver. 6. Instle um om dequd pr lurifinte de ix de âmio no furo de enhimento e drengem d ix de mrh. Enh trnsmissão om o lurifinte dequdo. - Furo de enhimento e drengem - Lurifinte d trnsmissão e om Desrição Número d peç Bom do lurifinte de engrengens Quiksilver Q1 Modelo de unidde de trção Cpidde dos fluidos (inlui unidde de trção de pop e o monitor de lurifinte de engrengens) Tipo de fluido Número de peç do fluido Zeus 5-1/4 L (4,7 0,4 L [5 1/2 qurtos estdunidenses]) Lurifinte de engrengens de lto desempenho K01, 1 L (0,94 L [1 qurto estdunidense]) Q01, 9,5 L (2,3 L [2,5 qurtos estdunidenses]) 7. Continue omer lurifinte n trnsmissão té o lurifinte preer no monitor, n linh de "NÍVEL DE ABASTECIMENTO FRIO". Não enh demis Linh de "NÍVEL DE ABASTECIMENTO FRIO" 8. Remov om de lurifinte d trnsmissão e reinstle rpidmente rruel e o prfuso do enhimento e d drengem d ix de âmio. Págin M por OUTUBRO 2012

93 Seção 5 - Mnutenção Desrição Nm l.-pol. l.-pé Prfuso de enhimento e drengem do lurifinte d ix de âmio Se o nível estiver ixo, enh o monitor de lurifinte d trnsmissão té linh "NÍVEL DE CHEIO - FRIO". ConsulteEnhimento. 10. Verifique se gxet de orrh está dentro d tmp do monitor de lurifinte d trnsmissão e instle tmp. Não perte demis. 11. Instle s hélies de propulsão. ConsulteHélies. 12. Verifique o nível do lurifinte d trnsmissão no monitor depois d primeir utilizção. ConsulteVerifição. NOTA: Após o funionmento d trnsmissão, om o lurifinte quente, o fluido expndirá e poderá hegr té o "NÍVEL MÁX. DE OPERAÇÃO" (linh de heio qundo quente) Linh "NÍVEL MÁXIMO DE OPERAÇÃO" (linh de steimento qundo quente) Óleo hidráulio do tudor de direção e ompensdor O sistem do tudor de direção e ompensdor usm mesm om hidráuli, sistem de filtrgem e reservtório de rmzenmento de óleo hidráulio. A om, o filtro e o sistem de rmzengem são os mesmos em todos os modelos. Pr proedimentos espeífios, onsulte seçãoverifindo, steendo, etro. Verifição 1. Com um pno limpo, sem fipos, limpe sujeir e os detritos d tmp e d prte extern do omndo de direção e do reservtório de fluido dos ompensdores. NOTA: A direção pr girr tmp pr rir ou fehr está impress n prte superior d tmp. 2. Pressione e gire tmp do reservtório e vret er de 1/3 de volt n direção d ertur. - Vret e tmp do reservtório - Direção de ertur - Direção de fehmento 3. Levnte tmp e vret do grglo do reservtório M por OUTUBRO 2012 Págin 85

94 Seção 5 - Mnutenção 4. Inspeione o nível do fluido, que deve estr n mr frio máximo. - Tmp e vret - Mr full old (totlmente frio) - Mr frio ixo d - Adiione d Se o nível estiver ixo, onsulte seçãoenhimento. 6. Se o nível estiver orreto, insir tmp e vret de óleo no grglo do reservtório. Pressione e gire tmp do reservtório n direção de fehmento. - Tmp e vret - Direção de ertur - Direção de fehmento Enhimento 1. Com um pno limpo, sem fipos, limpe sujeir e os detritos d tmp e d prte extern do omndo de direção e do reservtório de fluido dos ompensdores. NOTA: A direção pr girr tmp pr rir ou fehr está impress n prte superior d tmp Remov tmp e vret. Pressione e gire tmp do reservtório e vret er de 1/3 de volt n direção d ertur. - Vret e tmp do reservtório - Direção de ertur - Direção de fehmento IMPORTANTE: Use sempre vret medidor de nível pr determinr quntidde ext de óleo neessári. Págin M por OUTUBRO 2012

95 Seção 5 - Mnutenção 3. Asteç o reservtório hidráulio om o óleo espeifido pr trzer o nível té mr frio máximo. Não enh demis. - Tmp e vret - Mr full old (totlmente frio) - Mr frio ixo d - Adiione d Nº de ref. do tuo Desrição Onde é Usdo Nº de peç 138 Fluido sintétio de direção hidráuli SAE 0W-30 Sistem hidráulio K01 4. Insir tmp e vret no pesoço do reservtório. Pressione e gire tmp do reservtório n direção de fehmento. Tro Não é neessário tror o óleo do sistem de ompensção e do tudor d direção e o filtro menos que eles fiquem ontmindos om águ ou detritos. Um interruptor no sistem de filtro de lt pressão disprrá um ódigo de flh do VesselView pr lertr o operdor qundo o filtro e o óleo hidráulios preisrem ser trodos. Troque o filtro e o óleo hidráulio sempre que o ódigo de flh do VesselView for exiido. Código de flh do VesselView Rzão Tref "Flh de Filtro Sujo" O filtro do óleo hidráulio está sujo Troque o filtro e o óleo ssim que possível se não imeditmente. Entre em ontto om um ofiin de repro utorizd Merury Diesel pr oter informções diionis. Sistem de filtro de lt pressão - Ceçote do filtro om interruptor (interruptor não exiido) - Alojmento do filtro om elemento de filtro Óleo (fluido) d trnsmissão e filtro Verifição do nível do óleo d trnsmissão Se trnsmissão estiver equipd om um oertur, voê pode verifir o nível do óleo d trnsmissão (fluido) trvés d oertur de esso ou om tmp d trnsmissão removid, se equipdo. 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 87

96 Seção 5 - Mnutenção 1. Se equipdo om um tmp de unidde de trção, levnte frente d tmp de esso d tmp d unidde de trção ou remov tmp d unidde de trção pr essr vret de óleo d trnsmissão. - Tmp de esso - Presilh moldd - Bord reortd 2. Remov vret medidor do nível de óleo. Limpe vret om um pno limpo, sem fipos Vret de óleo d trnsmissão om tmp removid pr mior lrez. 3. Insir vret medidor de nível, olondo- sore o furo om ross. 4. Remov vret medidor do nível do óleo e verifique o nível do óleo. O nível do óleo deve estr entre s mrs de máximo e mínimo n vret medidor de nível. NOTA: É possível que óleo do resfridor de óleo d trnsmissão e ds mngueirs esorr pr dentro d trnsmissão, usndo um nível de fluido um pouo im d mr de nível máximo. d Verifição vret medidor do nível do óleo sore o furo om ross - Mr de máximo - Mr de mínimo - Prte superior do furo om ross d - Vret 5. Se o nível estiver orreto, instle vret medidor. 6. Se o nível de óleo estiver ixo, diione o óleo pr trnsmissão espeifido trvés do furo om ross d vret medidor de nível de óleo pr trzer o nível té mr de máximo n vret. Desrição Tipo de fluido Número de peç do fluido Trnsmissão e ix de olet Fluido sintétio de direção hidráuli SAE 0W K01 NOTA: Se o nível do óleo d trnsmissão estiver extremmente ixo, entre em ontto om su ofiin de repro utorizd Merury Diesel. IMPORTANTE: Pr um medição mis preis, fç o motor trlhr 1500 RPMs durnte três minutos imeditmente ntes de verifir o nível do óleo Págin M por OUTUBRO 2012

97 AVISO Seção 5 - Mnutenção As oms de águ do mr de ros equipdos om uniddes de trção pod Zeus podem ser dnifids pelo exesso de erção do espe devido o fluxo de águ indequdo. Pr grntir o fluxo de águ dequdo ns entrds de águ do mr, ertifique-se de que o ro estej nvegndo ntes de ultrpssr 1500 RPMs. 7. Ligue o motor e deixe-o funionr 1500 RPMs durnte três minutos pr enher todos os iruitos hidráulios. Pr evitr erção exessiv de espe d águ do mr, não ione o motor im de 1500 RPMs. 8. Desligue o motor e verifique o nível do óleo rpidmente. 9. Se o nível do óleo estiver ixo, diione o óleo de trnsmissão espeifido pr trzer o nível té mr de máximo n vret medidor de nível. 10. Instle vret medidor de nível. 11. Se o seu modelo estiver equipdo om um oertur d trnsmissão, instle oertur de esso.. Insir um presilh moldd n extremidde posterior d tmp de esso so ord reortd d tmp. - Tmp de esso - Presilh moldd - Bord reortd. Alinhe tmp de esso om ertur d tmp superior.. Pressione uniformemente n frente d tmp de esso. Poderá ser ouvido um lique qundo tmp de esso se enixr n posição finl Enhimento Conlusão d instlção d tmp de esso É possível enher trnsmissão om óleo pel tmp de esso n oertur d trção ou om oertur removid. 1. Pr essr vret medidor de nível de óleo d trnsmissão é preiso remover oertur de esso ou oertur d trnsmissão, se equipdo. Consulte Remoção d oertur d trnsmissão Tmp de esso - Trnsmissão - Vret medidor de nível d trnsmissão M por OUTUBRO 2012 Págin 89

98 Seção 5 - Mnutenção 2. Remov vret medidor do nível de óleo. Limpe vret om um pno limpo, sem fipos. Verifique o óleo de enhimento onforme desrito emverifição Vret medidor de nível d trnsmissão 3. Adiione o óleo pr trnsmissão espeifido trvés do orifíio om ross d vret medidor de nível de óleo pr nivelr o nível om mr "mximum" (máximo) d vret medidor. Desrição Cpidde de fluido Tipo de fluido Trnsmissão somente (sem ix de olet) Trnsmissão e ix de olet Trnsmissão, ix de olet e resfridor de óleo d trnsmissão remot (montdo no motor) 4 L (3,7 0,2 L [4 1/4 qurtos estdunidenses]) 5 1/4 L (4,7 0,4 L [5 1/2 qurtos estdunidenses]) 5 1/2 L (5,6 L [6 qurtos estdunidenses]) Fluido sintétio de direção hidráuli SAE 0W-30 Número de peç do fluido K01 IMPORTANTE: Pr um medição mis preis, fç o motor trlhr 1500 RPMs durnte três minutos imeditmente ntes de verifir o nível do óleo. NOTA: Pode ser neessário resentr mis óleo de trnsmissão pr enher s viddes vzis no filtro de trnsmissão e resfridores de óleo pós tro do óleo de trnsmissão. Use sempre vret medidor de nível pr determinr o nível de óleo orreto. AVISO As oms de águ do mr de ros equipdos om uniddes de trção pod Zeus podem ser dnifids pelo exesso de erção do espe devido o fluxo de águ indequdo. Pr grntir o fluxo de águ dequdo ns entrds de águ do mr, ertifique-se de que o ro estej nvegndo ntes de ultrpssr 1500 RPMs. 4. Ligue o motor e deixe-o funionr 1500 RPMs durnte três minutos pr enher todos os iruitos hidráulios e viddes vzis. Pr evitr erção exessiv de espe d águ do mr, não ione o motor im de 1500 RPMs. 5. Desligue o motor. Desenrosque rpidmente e remov vret medidor de nível. 6. Verifique o nível de óleo. Consulte Verifição. d - Mr de máximo - Mr de mínimo - Prte superior do furo om ross d - Vret 7. Se o nível do óleo estiver ixo, diione o óleo de trnsmissão espeifido pr trzer o nível té mr de máximo n vret medidor de nível. 8. Instle vret medidor de nível. 9. Instle tmp de esso n oertur d trnsmissão, so tenh sido retird. 10. Instle oertur d trnsmissão, so tenh sido retird. ConsulteInstlção d oertur d trnsmissão Págin M por OUTUBRO 2012

99 Seção 5 - Mnutenção Tro AVISO A desrg de óleo, fluido de rrefeimento ou outros fluidos do motor/trnsmissão no miente são proiidos por lei. Qundo fizer mnutenção do seu ro, não derrme nem jogue óleo, fluido de rrefeimento nem outros fluidos no meio miente. Informe-se sore s leis que trtm do desrte ou reilgem de lixo e ontenção ou desrte de fluidos, onforme for neessário.! ADVERTÊNCIA O nel de vedção de orrh é revestido externmente pr proteger o núleo interno. Rsgos, ortes, rrnhões ou exposição lurifintes ou ompostos de vedção podem dnifir este revestimento e o núleo interno, usndo vzmentos de águ pr o interior do ro. Tome uiddo o fzer instlções e trlhr o redor d interfe do nel de vedção pr evitr dnos. Durnte instlção não use lurifintes ou ompostos de vedção. 1. Remov tmp d trnsmissão, se equipdo. ConsulteRemoção d oertur d trnsmissão. 2. Cur áre om pnos ou ppéis sorventes de óleo pr reter o exesso de óleo de trnsmissão. 3. Remov o ujão de drengem M30 e rruel de vedção d extremidde de ré, estiordo, d trnsmissão e drene o óleo (fluido) pr um reipiente dequdo. - Trnsmissão - Bujão de drengem e rruel de vedção Em modelos om um ix dptdor, remov tmp de drengem d prte inferior de omordo d ix dptdor. Drene o óleo d trnsmissão pr dentro de um reipiente dequdo. - Cix de olet - Tmp de drengem NOTA: Exeto nos sos de ontminção extrem ou flh meâni, não é neessário drenr o óleo do resfridor de óleo d trnsmissão montdo no motor, se equipdo Resfridor de óleo d trnsmissão montdo no motor 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 91

100 Seção 5 - Mnutenção 5. Desrte o óleo d trnsmissão dequdmente. 6. Limpe o exterior d trnsmissão o redor do onjunto do filtro do óleo. 7. Use um hve Allen 6M e remov o prfuso do onjunto do filtro de óleo. - Conjunto do filtro de fluido - Prfuso do onjunto 8. Remov oertur do filtro. 9. Remov e desrte o elemento do filtro e os O-rings. d e f g h i Prfuso do onjunto - Arruel - Tmp d - Coertur do filtro e - Anel O f - Anel O g - Elemento do filtro h - Vedção i - Tuo de óleo 10. Aplique um md de óleo pr trnsmissão nos O-rings. 11. Instle os O-rings e elemento do filtro novos. AVISO A instlção inorret do onjunto do filtro do fluido d trnsmissão pode fzer om que o fluido se trnsforme em espum ou vze, provondo redução d efiiêni e dnos n trnsmissão. Durnte instlção, ssente dequdmente o filtro de fluido de trnsmissão. 12. Pr instlr o onjunto do filtro do óleo n vidde d trnsmissão, gire-o no sentido horário. 13. Usndo um hve Allen 6M, perte o prfuso do onjunto do filtro onforme espeifições. - Prfuso do onjunto - Conjunto do filtro de fluido Desrição Nm l.-pol. l.-pé Prfuso do onjunto do filtro 7 62 IMPORTANTE: Use rruels de vedção novs pr evitr vzmentos. Págin M por OUTUBRO 2012

101 Seção 5 - Mnutenção 14. Nos modelos om ix dptdor, instle tmp de drengem. Aperte tmp de drengem onforme espeifição. - Cix de olet - Tmp de drengem Desrição Nm l.-pol. l.-pé Tmp de drengem d ix de olet Instle o ujão de drengem d trnsmissão om um rruel de vedção nov. Aperte o ujão de drengem onforme espeifição. - Bujão de drengem e rruel de vedção - Trnsmissão Desrição Nm l.-pol. l.-pé Bujão de drengem d trnsmissão NOTA: Qundo trnsmissão é enhid om óleo, ix dptdor está hei. Tlvez trnsmissão tenh ser operd pr enher o resfridor montdo no motor. Use sempre vret medidor pr determinr quntidde ext de óleo neessári. 16. Enh trnsmissão, ix de olet e o rrefeedor montdo no motor, se equipdo, té o nível orreto om o óleo espeifido. ConsulteEnhimento. 17. Após primeir prtid, verifique existêni de vzmentos. Se houver vzmentos, pre operção imeditmente. Verifique os omponentes e repre onforme neessário. 18. Instle tmp d trnsmissão, se equipdo. ConsulteInstlção d oertur d trnsmissão. Sistem de águ slgd Drengem do sistem de águ do mr IMPORTANTE: O ro deve estr o mis niveldo possível pr grntir drengem omplet do sistem de rrefeimento. Drene o sistem de águ do mr do onjunto de potêni ntes de lvr ou ntes de um período de ixs temperturs (temperturs de ongelmento), rmzenmento pr estção, ou rmzenmento por um período prolongdo. IMPORTANTE: O motor não deve estr funionndo durnte o proedimento de drengem. Bro for d águ 1. Retire o ro d águ. 2. Ar válvul do porão de entrd de águ do mr e válvul de retorno de águ do mr (pel ord for). 3. Drene águ do mr. 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 93

102 Seção 5 - Mnutenção 4. Em modelos om ix dptdor e resfridor de óleo d trnsmissão montdo no motor, remov os dois ujões nódios e drene águ do mr. - Bujões nódios (dreno) - Resfridor do óleo d trnsmissão Em modelos om um ix dptdor e resfridor de óleo d trnsmissão montdos n unidde de trção, onforme exiido, remov o ujão de drengem. Drene águ do mr. - Bujão de drengem - Resfridor do óleo d trnsmissão 6. Em modelos equipdos om um filtro de águ do mr, onsultefiltro de águ do mr. 7. Dependendo do equipmento, plique vednte no ujão de drengem do resfridor do óleo d trnsmissão ou ujões nódios ntes d instlção. Aperte o ujão de drengem firmemente ou os ujões nódios de ordo om s espeifições Nº de ref. do tuo Desrição Onde é Usdo Nº de peç 19 Vedção Perfeit Bujões nódios e ujões de drengem Q02 Desrição Nm l.-pol. l.-pé Bujões nódios Coloque um etiquet no leme e no omprtimento do motor indindo que s válvuls de fundo estão erts e devem ser fehds e todos os ujões de drengem e mngueirs devem ser instldos ntes que o ro sej olodo n águ. Bro n águ! CUIDADO Se o sistem de águ do mr estiver erto, águ pode entrr no porão dnifindo o motor ou fzendo o ro fundr. Remov o ro d águ ou fehe entrd de águ do mr ou s válvuls do porão de desrg e fç om do porão trlhr durnte drengem. O motor não deve estr funionndo durnte drengem do sistem de águ do mr. 1. Em modelos que usm um entrd de águ do mr trvés do so, onsulte o frinte do ro pr oter instruções e fehe válvul de fundo ou de entrd de águ do mr. Págin M por OUTUBRO 2012

103 Seção 5 - Mnutenção 2. Em modelos que usm entrd de águ do mr trvés do ionmento, fehe válvul de fundo de entrd de águ do mr. Gire lvn n direção indid pel set. Alvn típi de omordo - Válvul de fundo de entrd - Posição nterior (ert) - Alvn n posição fehd 3. Fehe válvul do porão de retorno (ord for) de águ do mr Gire lvn n direção indid pel set Tmp d unidde de trção removid pr mior lrez - Válvul de fundo de retorno - Alvn n posição fehd 4. Ligue om de esgotmento do porão NOTA: No psso seguir, ixe ou urve mngueir, onforme for neessário, pr permitir que águ do mr sej ompletmente drend. 5. Remov mngueir d válvul do porão de entrd de águ do mr. Drene águ do mr. Conexão típi - Válvul de fundo de entrd - Presilhs dupls de mngueir - Mngueir Remov mngueir de águ do mr d extremidde d síd do resfridor primário pr o óleo hidráulio. Drene águ do mr. 7. Remov o prfuso de drengem d válvul de fundo. Drene águ do mr. d - Presilhs dupls de mngueir - Resfridor primário - Mngueir de águ do mr d - Prfuso de drengem M por OUTUBRO 2012 Págin 95

104 Seção 5 - Mnutenção 8. Em modelos om ix dptdor e resfridor de óleo d trnsmissão montdo no motor, remov os dois ujões nódios e drene águ do mr. - Bujões nódios (dreno) - Resfridor de óleo Em modelos om ix dptdor e resfridor de óleo d trnsmissão montdos n unidde de trção, onforme exiido, remov o ujão de drengem e drene águ do mr. - Bujão de drengem - Resfridor do óleo d trnsmissão 10. Em modelos equipdos om um filtro de águ do mr, onsultefiltro de águ do mr. 11. Nos modelos om um ix dptdor e resfridor de óleo d trnsmissão montdo n unidde de trnsmissão:. Aplique vednte ns ross do ujão de drengem do resfridor do óleo d trnsmissão Nº de ref. do tuo Desrição Onde é Usdo Nº de peç 19 Vedção Perfeit Bujão de drengem Q02. Instle o ujão de drengem.. Aperte em o ujão de drengem. 12. Nos modelos om um ix de olet e resfridor de óleo d trnsmissão montdo no motor:. Aplique um selnte ns ross de ros do ujão de ânodo. Nº de ref. do tuo Desrição Onde é Usdo Nº de peç 19 Vedção Perfeit Bujões nódios Q02. Instle os ujões de ânodo.. Aperte os ujões nódios onforme espeifição. - Bujões nódios (drengem) - Resfridor de óleo Desrição Nm l.-pol. l.-pé Bujões nódios Págin M por OUTUBRO 2012

105 13. Conete s mngueirs de águ do mr novmente. Aperte em s rçdeirs dupls d mngueir. 14. Aplique vednte ns ross do prfuso de drengem d válvul de fundo de retorno. Seção 5 - Mnutenção Nº de ref. do tuo Desrição Onde é Usdo Nº de peç 19 Vedção Perfeit Ross do prfuso de drengem d válvul de fundo de retorno Q Instle o prfuso de drengem d válvul de fundo de retorno. Aperte o prfuso firmemente. d - Presilhs dupls de mngueir - Resfridor primário - Mngueir de águ do mr d - Prfuso de drengem AVISO A águ umuld dentro d seção de águ slgd do sistem de resfrimento pode usr dnos por orrosão ou por ongelmento. Drene seção de águ slgd do sistem de resfrimento imeditmente pós operção ou ntes de qulquer período de rmzenmento so temperturs de ongelmento. Se o ro estiver n águ, mntenh válvul do fundo fehd té o motor ser ligdo novmente pr evitr que águ retorne o sistem de resfrimento. Se o ro não estiver equipdo om um válvul de fundo, deixe mngueir de entrd de águ desonetd e tpd. 16. Coloque um etiquet no leme e no omprtimento do motor indindo que s válvuls de fundo estão fehds e devem ser erts depois de todos os ujões de drengem e mngueirs terem sido instldos, ntes que os motores sejm ligdos. Verifição d olet de águ do mr d unidde de trção 1. Certifique-se de que s erturs de entrd de águ dos oletores de águ do mr estão limps e desostruíds. Remov uiddosmente tods s ostruções. Não dnifique tmp de olet d águ do mr ompost Aerturs de entrd pr ptção de águ do mr (vidde não visível ness vist) 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 97

106 Seção 5 - Mnutenção 2. Olhndo trvés ds erturs de entrd, verifique visulmente existêni de orgnismos mrinhos (onhs, rustáeos, et) n vidde entre tmp de entrd e pl d seção entrl. Se forem enontrdos orgnismos mrinhos n vidde, entre em ontto om ofiin de repros Merury Diesel. Exiido om tmp removid pr mior lrez - Entrd de águ do mr pr válvul de fundo - Cvidde (áre somred) - Pl d seção entrl d - Tmp Lvgem do sistem de águ slgd Antes do rmzenmento prolongdo, reomendmos que o sistem de resfrimento de águ do mr sej lvdo pr evitr o úmulo de sl ou sedimentos. Entre em ontto om um ofiin de repro utorizd Merury Diesel pr oter informções diionis. Bteri Desrte tods s teris de humo de áido que não estiverem sendo usds. Rerregue periodimente pós dis de uso, ou qundo grvidde espeífi ir ixo ds espeifições do frinte. Consulte s dvertênis e informções espeífis que ompnhm teri. Se ests informções não estiverem disponíveis, oserve o seguinte:! ADVERTÊNCIA Um teri em operção ou em rg produz gás que pode inflmr e explodir, esplhndo áido sulfúrio que pode usr queimdurs grves. Qundo estiver mnusendo ou fzendo mnutenção em teris, ventile áre o redor d teri e use equipmento de proteção.! ADVERTÊNCIA Rerregr um teri fr no ro ou usr os e um teri de reforço pr dr prtid em um motor pode usr ferimentos grves ou dnos o produto em so de inêndio ou explosão. Retire teri do ro e fç rerg em um áre ventild e longe de entelhs ou hms. Sistem elétrio 1. Verifique se há prendedores soltos, dnifidos ou orroídos. 2. Verifique se há fios ou onetores soltos, dnifidos ou orroídos. Sistem de rrefeimento e de espmento 1. Inspeione os sistems de rrefeimento e de espmento qunto dnos e vzmentos. 2. Verifique ondição de perto ds rçdeirs ds mngueirs dos sistems de rrefeimento e de espmento. Lurifição d Junt desliznte do eixo de trnsmissão No eixo de trnsmissão há um junt desliznte que preis ser lurifid trvés de um grxeir. Pr oter esso à grxeir é preiso remover temporrimente um prte d tmp de proteção do eixo de trnsmissão. Págin M por OUTUBRO 2012

107 Seção 5 - Mnutenção 1. Remov proteção do eixo de trnsmissão d extremidde do motor. Proteção n extremidde do motor - Proteção do eixo de trnsmissão - Prfuso (dois de d ldo) - Extremidde do motor Lurifique junt desliznte do eixo de trnsmissão trvés d grxeir. - Eixo de Trnsmissão - Grxeir Nº de ref. do tuo Desrição Onde é Usdo Nº de peç 42 Grx pr o rolmento do mnl e junt universl Junt desliznte do eixo de trnsmissão 8M NOTA: Há um tmpão em form de opo instldo no entro d junt universl mis próxim d junt desliznte do eixo de trnsmissão. O tmpão retém grx n vidde d rnhur. Um furo no entro do tmpão tu omo lívio de pressão pr grx n vidde d rnhur. 3. Bomeie grx n grxeir pr junt desliznte té grx ser expelid pelo furo de lívio de pressão no tmpão em form de opo. - Grxeir - Tmpão em form de opo - Grx expelid Aplique desivo nos filetes de ros dos prfusos de eç flnged pr proteção do eixo de trnsmissão n extremidde do motor. Nº de ref. do tuo Desrição Onde é Usdo Nº de peç 10 Lotite 277 Prfuso ou por de retenção d proteção do eixo de trnsmissão Otin Lolly 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 99

108 Seção 5 - Mnutenção 5. Instle proteção do eixo de trnsmissão n extremidde do motor usndo os prfusos de eç flnged onforme indido. Aperte os prfusos onforme s espeifições. - Proteção superior - Prfuso d proteção do eixo de trnsmissão no motor - Extremidde do motor Desrição Nm l-in. l-ft Prfuso d proteção do eixo de trnsmissão - extremidde do motor Junts universis do eixo de trnsmissão NOTA: Além d tref e intervlo pr inspeção e lurifição s junts universis do eixo de trnsmissão de 250 hors ou um no (o que oorrer primeiro), voê deve sustituir s junts universis d 1000 hors ou dois nos (o que oorrer primeiro). Entre em ontto om um ofiin de repro utorizd Merury Diesel pr oter informções sore o lol de mnutenção do eixo de trnsmissão mis próximo. 1. Remov proteção do eixo de trnsmissão d extremidde do motor. - Proteção do eixo de trnsmissão - Prfuso (dois de d ldo) - Extremidde do motor Remov prte superior e inferior ds proteções do eixo de trnsmissão d extremidde d trnsmissão omo mostrdo. d - Proteção inferior - Peçs de retenção superior inferior d proteção do eixo de trnsmissão (2) - Proteção superior d - Prfuso de fixção d lindgem do eixo de trnsmissão (4) 3. Inspeione visulmente d rolmento de junt universl qunto :. Deteriorção ou dnos d vedção A prêni de ferrugem ou desgste à volt ds forquilhs.. Se qulquer um desss ondições existir, entre em ontto om um ofiin utorizd Merury Diesel pr oter mis informções. Págin M por OUTUBRO 2012

109 Seção 5 - Mnutenção 4. Lurifique s junts universis do eixo de trnsmissão trvés ds grxeirs, se equipdo, om proximdmente 3 4 omeds d pistol de lurifição meâni mnul Junts universis do eixo de trnsmissão om grxeirs Nº de ref. do tuo Desrição Onde é Usdo Nº de peç 42 Grx pr o rolmento do mnl e junt universl Junt dividid e justs universis do eixo de trnsmissão 8M Aplique desivo ns ross dos prfusos e prisioneiros usdos pr fixr s proteções do eixo de trnsmissão. Nº de ref. do tuo Desrição Onde é Usdo Nº de peç 10 Lotite 277 Prfuso e por de retenção d proteção do eixo de trnsmissão Otin Lolly 6. Instle proteção superior e inferior do eixo de trnsmissão n extremidde d trnsmissão onforme mostrdo. Aperte os prfusos e s pors de retenção d proteção do eixo de trnsmissão de ordo om s espeifições. d - Proteção inferior - Prfuso, por e rruel de retenção d proteção superior à inferior do eixo de trnsmissão (2) - Proteção superior d - Arruel e prfuso de fixção d lindgem do eixo de trnsmissão (4) Desrição Nm l.-pol. l.-pé Prfuso de fixção d lindgem do eixo de trnsmissão extremidde d trnsmissão Modelos QSC e QSB Modelos QSM Prfuso e por de retenção d proteção superior à inferior do eixo de trnsmissão extremidde d trnsmissão Instle lindgem do eixo de trnsmissão d extremidde do motor. Aperte os prfusos onforme s espeifições. - Proteção do eixo de trnsmissão - Prfuso (dois de d ldo) - Extremidde do motor M por OUTUBRO 2012 Págin 101

110 Seção 5 - Mnutenção Desrição Nm l.-pol. l.-pé Prfuso d proteção do eixo de trnsmissão extremidde do motor Eixo d hélie 1. Remov s hélies. Consulte Hélies. 2. Aplique um md generos de um dos lurifintes seguir nos eixos ds hélies Nº de ref. do tuo Desrição Onde é Usdo Nº de peç 94 Grx Antiorrosão Eixos ds hélies 8M Lurifinte espeil 101 Eixo d hélie Q1 95 Lurifinte mrítimo 2-4-C om Teflon 3. Instle s hélies. Consulte Hélies. Corrosão e proteção ontr orrosão As uss d orrosão Eixo d hélie Q 1 AVISO A lvgem do onjunto MerCthode pode dnifir os omponentes e usr orrosão rápid. Não use equipmento de limpez, omo esovs ou equipmentos de lt pressão pr limpr o onjunto MerCthode. Tods s vezes que dois metis dissimilres, ou mis, (omo queles enontrdos ns uniddes de propulsão) são sumergidos em um solução ondutor, tl omo, águ slgd, poluíd ou om um teor lto de mineris, oorre um reção quími que produz o fluxo de orrente elétri entre os metis. A orrente elétri fz o metl quimimente mis tivo ou nódio, sofrer erosão. Isto é onheido omo orrosão glvâni. Se não for ontrold, om o tempo, pode usr neessidde de sustituição dos omponentes do onjunto de potêni expostos à águ. Consulte seçãogui de Proteção de Corrosão Mrítim( ). Proteção ntiorrosão Esses onjuntos de potêni têm nodos omo equipmentos pdrão pr protegê-los ontr orrosão glvâni so ondições moderds. O sistem MerCthode e os ânodos de srifíio forneem proteção ontr orrosão so uso norml. Entretnto, os ros onetdos um fonte de limentção em terr CA requerem proteção extr pr evitr que orrentes glvânis destrutivs de ix tensão pssem pelo fio terr d fonte de limentção em terr. Um Isoldor glvânio Quiksilver pode ser instldo pr loquer pssgem desss orrentes, emor ontinue forneer um minho de terrmento pr orrentes de flh (hoques) perigoss. Consulte Gui de peçs e essórios Diesel ( ) ou o Gui de essórios Merury (90-8M ) pr números de peçs. IMPORTANTE: Se fonte de limentção em terr CA não for isold do terr do ro, o Sistem MerCthode e os nodos podem não onseguir onter o potenil umento de orrosão glvâni. Anodos e sistem MerCthode Os nodos judm proteger ontr orrosão glvâni srifindo o seu metl que é orroído lentmente em vez dos omponentes de metl d trnsmissão ou d emrção. A proteção ontr orrosão é proporiond por nodos de proteção instldos nos ompensdores. É possível, pr proteger emrção ontr orrosão glvâni, que hj outros nodos de proteção instldos. Págin M por OUTUBRO 2012

111 Seção 5 - Mnutenção IMPORTANTE: Os ânodos de srifíio devem ser inspeiondos periodimente. Sustitu os ânodos de srifíio se eles presentrem 50% de erosão ou mis. Consulte Mnutenção progrmd. Lolizções dos nodos e do Sistem MerCthode Desrição Lolizção Figur Pls de nodo do ompensdor Montd no ompensdor O sistem MerCthode us um eletrodo de referêni e um onjunto de nodos pr forneer proteção ontr orrosão glvâni. O ontroldor MerCthode é montdo n trnsmissão. O sistem deve ser testdo pr grntir que síd é dequd. O teste deve ser exeutdo onde o ro estiver trdo, usndo o Eletrodo de Referêni Quiksilver e o Indidor. Pr informções sore os testes, entre em ontto om um ofiin de repros utorizd Merury Diesel ou onsulte o mnul de serviço dequdo. Lolizções dos nodos e do Sistem MerCthode Desrição Lolizção Figur Sistem MerCthode O eletrodo e o nodo de referêni MerCthode são montdos n oertur ompost n prte inferior d unidde de trção pod. O ontroldor MerCthode é montdo n trnsmissão. A fição do ontroldor interonet os omponentes É possível que hj outros nodos de proteção instldos, pr proteger emrção ontr orrosão glvâni. Pr oter mis informções sore os nodos montdos n emrção, onsulte o mnul de operção e de referêni forneido pelo frinte do ro. Outros nodos e sus posições Desrição Lolizção Figur Kit de nodos (se equipdo) Montdo no gio do ro Fio do eletrodo de referêni do sistem MerCthode AVISO A lvgem do onjunto MerCthode pode dnifir os omponentes e usr orrosão rápid. Não use equipmento de limpez, omo esovs ou equipmentos de lt pressão pr limpr o onjunto MerCthode. 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 103

112 Seção 5 - Mnutenção Não use águ so pressão pr lvr o eletrodo de referêni do onjunto MerCthode. Isso dnifi o revestimento do fio do eletrodo de referêni e pode reduzir proteção ontr orrosão. - Anodo - Eletrodo de referêni (não visível nest imgem) Anodo MerCthode Verifição Inspeione o nodo MerCthode e, so dnifido, sustitu-o Anodo - Eletrodo de referêni (não visível nest imgem) Sustituição Entre em ontto om su ofiin meâni utorizd Merury Diesel. Teste do sistem MerCthode Se o ro estiver equipdo om um sistem Quiksilver MerCthode, teste o sistem pr que produz síd dequd pr proteger s peçs de metl do ro sumerss n águ. O teste deve ser exeutdo qundo o ro estiver trdo, usndo o Eletrodo de Referêni Quiksilver e o Indidor Eletrodo de Referêni T 1 Detet orrente elétri n águ durnte o teste do sistem MerCthode. Utilize-o pr verifir o potenil do so Entre em ontto om um ofiin de repros utorizd Merury Diesel ou onsulte o mnul de serviço dequdo. Anodo do ompensdor Verifição 1. Inspeione os nodos do ompensdor. Págin M por OUTUBRO 2012

113 Seção 5 - Mnutenção 2. Sustitu o nodo se ele presentr 50% de orrosão ou mis Anodos do ompensdor Sustituição IMPORTANTE: O ilindro do ompensdor é equipdo om um válvul de retenção pr evitr o ixmento do ompensdor pós o desligmento. Qundo for neessário relizr serviços ixe o ompensdor ntes de desligr o motor. 1. Aixe ompletmente o ompensdor. 2. Remov d prte inferior d de ompensção os ino prfusos de fixção do ânodo d de ompensção de d ânodo. Remoção do ânodo de estiordo - Prfuso (5) - Ânodo Inspeione e sustitu os prfusos de montgem do nodo do ompensdor dnifidos pel orrosão. 4. Remov e desrte o nodo do ompensdor. 5. Limpe s superfíies de montgem do nodo do ompensdor té tingir o metl. 6. Aplique desivo às ross dos ino prfusos do ânodo d de ompensção. Nº de ref. do tuo Desrição Onde é Usdo Nº de peç 7 Trv-ros Lotite 271 Prfuso do ânodo do ompensdor Instle os ânodos no ompensdor. Aperte os prfusos onforme s espeifições Ânodo de omordo - Ânodo de estiordo - Prfusos (5) Desrição Nm l.-pol. l.-pé Prfuso do ânodo d de ompensção (M8 x 20 mm de omprimento) M por OUTUBRO 2012 Págin 105

114 Seção 5 - Mnutenção Ciruitos de Continuidde NOTA: Pr oter mis informções sore os nodos montdos n emrção e os iruitos de ontinuidde ssoidos, onsulte o mnul de operção e de referêni forneido pelo frinte do ro. O sistem de trnsmissão está equipdo om fios de terrmento pr ssegurr o ontinuidde elétri entre os omponentes d trnsmissão. A o ontinuidde pr um terr (-) é essenil pr o funionmento efiiente do nodo e do Sistem MerCthode. 1. Remov oertur d trnsmissão. ConsulteRemoção d oertur d trnsmissão nest seção. 2. Verifique se existem onexões solts, onetores querdos ou fios desgstdos nos fios e ontroldor do MerCthode. d e - Fio do nodo - Terminl positivo (+) d teri - Controldor MerCthode d - Fio do eletrodo de referêni e - Fio de ontinuidde preto/verde ( ) pr o pino de onexão f - Terminl negtivo (-) d teri f Inspeione o pino de onexão, por e o fio de ontinuidde ( ) n seção entrl em us de sinis de orrosão, onexões solts, onetores querdos ou fios desgstdos. - Fio de ontinuidde preto/verde - Por - Pino de onexão Nos intervlos espeifidos, om o ro for d águ, ixe os ompensdores e inspeione o fio de ontinuidde ( ) lolizdo entre o ompensdor e o loo ds rtiulções. - Bloo ds rtiulções - A de ompensção - Prfuso d - Fio de ontinuidde. d Iniição de orrosão Pr iniir orrosão, lém dos dispositivos de proteção ntiorrosão, oserve os seguintes pssos: 1. Pinte o grupo de potêni. Consulte Pintur do ro. 2. Pulverize nulmente os omponentes do grupo de potêni no interior do ro om Corrosion Gurd pr proteger o mento ontr emçmento e orrosão. 3. Mntenh os pontos de lurifição em lurifidos. Pintur do ro IMPORTANTE: A grnti limitd não ore dnos por orrosão resultntes d plição de pintur indequd. IMPORTANTE: A pintur torn os ânodos e o sistem MerCthode inefizes omo iniidores de orrosão glvâni. Ao pintr o so do ro om um tint nti-inrustnte, oserve o seguinte: Págin M por OUTUBRO 2012

115 Use um tint nti-inrustnte de o qulidde, projetd pr uso mrítimo. Evite usr um tint nti-inrustnte que ontenh ore, que poderi onduzir orrentes elétris. Seção 5 - Mnutenção Se for neessário usr tint nti-inrustnte à se de ore ou de estnho, oedeç às leis lois e federis que proím seu uso. Não pinte os furos de drengem ou os itens espeifidos pelo frinte do ro. Não pinte ânodos ou omponentes do sistem MerCthode. Evite qulquer interonexão elétri entre tint e unidde de propulsão, loos nódios, ânodos dos ompensdores ou sistem MerCthode deixndo um áre de, no mínimo, 40 mm (1 1/2 pol.) no so do ro o redor destes itens, onforme mostrdo n figur seguinte. Áre sem pintur - Áre mínim de 40 mm (1 1/2 pol.) sem pintur o redor do nel de vedção de interfe (olhl) nos modelos om um ertur moldd em túnel ou o redor do onjunto do nel de interfe prfusdo (so instldo) Hélies Remoção d hélie 25260! ADVERTÊNCIA Hélies em movimento podem usr ferimentos grves ou morte. Nun opere o ro for d águ om um hélie instld. Antes de instlr ou remover um hélie, retire hve d ignição, ponh o âmio em ponto morto e ione hve E-stop (prd de emergêni pr impedir prtid do motor. 1. Coloque um loo de mdeir entre s lâmins d hélie posterior e o ompensdor. 2. Gire por do eixo d hélie trseir no sentido nti-horário pr removê-l. - Bloo de mdeir - A de ompensção Deslize hélie e o uo de propulsão do eixo d hélie. 90-8M por OUTUBRO 2012 Págin 107

116 Seção 5 - Mnutenção 4. Com ferrment pr por d hélie, gire por d hélie dinteir no sentido nti-horário e remov por. - Bloo de mdeir - A de ompensção - Ferrment espeil pr por d hélie Ferrment pr por d hélie T 1 Auxili n remoção e oloção d por d hélie dinteir Deslize hélie e o uo de propulsão dinteiros do eixo d hélie. - Cuo de propulsão dinteiro - Hélie dinteir - Por d hélie dinteir Repro d hélie Algums hélies dnifids podem ser reprds. Entre em ontto om su ofiin meâni utorizd Merury Diesel. Instlção d hélie 28265! ADVERTÊNCIA Hélies em movimento podem usr ferimentos grves ou morte. Nun opere o ro for d águ om um hélie instld. Antes de instlr ou remover um hélie, oloque unidde de trção em ponto morto e ione o interruptor de desligmento por ord pr impedir prtid do motor. Coloque um loo de mdeir entre lâmin d hélie e pl ntiventilção d unidde de trção de pop. 1. Psse um md generos de um dos seguintes lurifintes Quiksilver n rnhur do eixo d hélie. NOTA: A grx ntiorrosão é somente pr plições de águ slgd. Nº de ref. do tuo Desrição Onde é Usdo Nº de peç 34 Lurifinte espeil 101 Rnhurs do eixo d hélie Q C om Teflon Rnhurs do eixo d hélie Q 1 Págin M por OUTUBRO 2012

117 Seção 5 - Mnutenção Nº de ref. do tuo Desrição Onde é Usdo Nº de peç 94 Grx Antiorrosão Rnhurs do eixo d hélie 8M Lurifição ds rnhurs do eixo d hélie IMPORTANTE: Verifique se os números de peç d hélie dinteir e trseir são os orrespondentes pr s unidde de propulsão de omordo e de estiordo. 2. Deslize o uo de propulsão dinteiro sore o eixo d hélie om o ldo ônvo em direção o uo d hélie. 3. Alinhe s rnhurs e posiione hélie dinteir sore o eixo d hélie. A hélie preis enixr sem esforço ns rnhurs do eixo. 4. Instle por d hélie dinteir. - Hélie dinteir - Por Coloque um loo de mdeir entre o ompensdor e hélie. 6. Com ferrment espeil pr por d hélie, perte por d hélie dinteir onforme espeifições. - Bloo de mdeir - A de ompensção - Ferrment espeil pr por d hélie M por OUTUBRO 2012 Págin 109

118 Seção 5 - Mnutenção Ferrment pr por d hélie T 1 Auxili n remoção e oloção d por d hélie dinteir Desrição Nm l. pol. l. pé. Por d hélie dinteir Verifique se hélie gir orretmente. A hélie não deve fzer ontto om rç d trnsmissão inferior. 8. Deslize o uo de propulsão trseiro sore o eixo d hélie om o ldo ônvo em direção o uo d hélie. 9. Alinhe s rnhurs e posiione hélie trseir sore o eixo d hélie. A hélie preis enixr sem esforço ns rnhurs do eixo. 10. Instle por d hélie trseir. 11. Coloque um loo de mdeir entre o ompensdor e hélie. 12. Aperte por d hélie de ordo om o torque espeifido. - Bloo de mdeir - A de ompensção f Conjunto d hélie d unidde de trção Zeus - Cuo de propulsão dinteiro - Hélie dinteir - Por d hélie dinteir d - Cuo de Impulso trseiro e - Hélie trseir f - Por d hélie trseir e d Desrição Nm l. pol. l. pé. Por d hélie trseir Págin M por OUTUBRO 2012

Regulamentos sobre Emissões da Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos (EPA)

Regulamentos sobre Emissões da Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos (EPA) Origdo por ter dquirido um dos melhores motores de pop disponíveis no mercdo. Você fez um excelente investimento no lzer mrítimo. Seu motor de pop foi fricdo pel Mercury Mrine, líder mundil em tecnologi

Leia mais

Manual do proprietário (A.2.5) EN ISO 10240:2004. Características de manobra (A.4) EN ISO 8665:1995

Manual do proprietário (A.2.5) EN ISO 10240:2004. Características de manobra (A.4) EN ISO 8665:1995 Bem-vindo bordo! Prestr os cuiddos e mnutenção dequdos é muito importnte pr mnter o seu equipmento Mercury funcionndo o nível mis elevdo de eficiênci e economi. O Crtão de Registro do Proprietário nexo

Leia mais

Motores Diesel 1.7 Modelos com Tração de Popa (Sterndrive)

Motores Diesel 1.7 Modelos com Tração de Popa (Sterndrive) Motores Diesel 1.7 Modelos com Trção de Pop (Sterndrive) Registro de Identificção Os números de série são s chves do fbricnte pr vários detlhes de engenhri que se plicm o conjunto de potênci Cummins MerCruiser

Leia mais

Início. Guia de Configuração Rápida DCP-J100 DCP-J105 ADVERTÊNCIA CUIDADO IMPORTANTE OBSERVAÇÃO ADVERTÊNCIA

Início. Guia de Configuração Rápida DCP-J100 DCP-J105 ADVERTÊNCIA CUIDADO IMPORTANTE OBSERVAÇÃO ADVERTÊNCIA Gui de Configurção Rápid Iníio DCP-J100 DCP-J105 Origdo por esolher Brother. Seu poio é importnte pr nós e vlorizmos o seu negóio. Seu produto Brother foi desenvolvido e frido de ordo om os mis ltos pdrões

Leia mais

2015 Mercury Marine. 15/20 FourStroke. Motor de popa Instalação Operação Manutenção Garantia Manual

2015 Mercury Marine. 15/20 FourStroke. Motor de popa Instalação Operação Manutenção Garantia Manual 615 por 2015 Mercury Mrine 15/20 FourStroke 8M0110115 Motor de pop Instlção Operção Mnutenção Grnti Mnul por Declrção de Conformidde - Pr motores de propulsão de brcos recretivos com os requisitos d Diretriz

Leia mais

COMPENSAÇÃO ANGULAR E REMOÇÃO DA COMPONENTE DE SEQÜÊNCIA ZERO NA PROTEÇÃO DIFERENCIAL

COMPENSAÇÃO ANGULAR E REMOÇÃO DA COMPONENTE DE SEQÜÊNCIA ZERO NA PROTEÇÃO DIFERENCIAL SHWETZER ENGNEERNG LORTORES, OMERL LTD OMPENSÇÃO NGULR E REMOÇÃO D OMPONENTE DE SEQÜÊN ZERO N PROTEÇÃO DFERENL RFEL RDOSO ntrodução O prinípio d proteção diferenil é de que som ds orrentes que entrm n

Leia mais

Atendimento WEB Volkswagen v20141104.docx. Manual de Atendimento Volkswagen

Atendimento WEB Volkswagen v20141104.docx. Manual de Atendimento Volkswagen Atendimento WEB Volkswgen v20141104.dox Mnul de Atendimento Volkswgen Atendimento WEB Volkswgen v20141104.dox ÍNDICE CARO CREDENCIADO, LEIA COM ATENÇÃO.... 3 DOCUMENTAÇÃO COMPLEMENTAR... 3 FECHAMENTO DE

Leia mais

Guia de rede sem fio. 2008 www.lexmark.com

Guia de rede sem fio. 2008 www.lexmark.com Gui de rede sem fio 2008 www.lexmrk.om Conteúdo Instlndo impressor em um rede sem fio...5 Comptiilidde de rede sem fio...5 Informções neessáris pr instlr impressor em um rede sem fio...5 Conedendo esso

Leia mais

Atendimento WEB TISS ECONOMUS Ver 1-A Out-08.doc. Manual de Atendimento

Atendimento WEB TISS ECONOMUS Ver 1-A Out-08.doc. Manual de Atendimento Mnul de Atendimento ÍNDICE CARO CREDENCIADO, LEIA COM ATENÇÃO... 3 MOVIMENTO MANUAL... 3 DOCUMENTAÇÃO COMPLEMENTAR... 3 CONSULTAS TISS COM COBRANÇA DE MATERIAL, MEDICAMENTOS E TAXAS... 3 COBRANÇA DE MATERIAL,

Leia mais

o equipamento da embalagem e verificar os componentes

o equipamento da embalagem e verificar os componentes Gui de Instlção Rápid Iníio DCP-J552DW DCP-J752DW Lei o Gui de Segurnç de Produto ntes de onfigurr o equipmento. Em seguid, lei este Gui de Instlção Rápid pr o instlr e onfigurr orretmente. ADVERTÊNCIA

Leia mais

o aparelho e verificar os componentes Cartucho de tinta Vida útil aproximada de 10.000 páginas 1

o aparelho e verificar os componentes Cartucho de tinta Vida útil aproximada de 10.000 páginas 1 Gui de Configurção Rápid Iníio (pens UE) HL-S7000DN Origdo por esolher Brother. Seu poio é importnte pr nós e vlorizmos o seu negóio. Seu produto Brother foi desenvolvido e frido de ordo om os mis ltos

Leia mais

Faturamento WEB TISS GCAIS Ver 1-C Jan-09.doc. Manual de Faturamento

Faturamento WEB TISS GCAIS Ver 1-C Jan-09.doc. Manual de Faturamento Mnul de Fturmento ATENÇÃO PROCESSO ESPECIAL ENVIO DE 1ª. e 2ª. GRD S GOLDEN CROSS Antes de envir o movimento referente à su 1ª. e 2ª. GRD S d operdor Golden Cross é origtório seguir os seguintes pssos:

Leia mais

Declaração de conformidade Mercury MerCruiser

Declaração de conformidade Mercury MerCruiser NOTA: As informções seguir se plicm os produtos com mrc CE pens. Declrção de conformidde Mercury MerCruiser A unidde de trção de pop (Sterndrive) ou o motor de bordo, qundo instldos de cordo com s instruções

Leia mais

4. APLICAÇÃO DA PROTEÇÃO DIFERENCIAL À PROTEÇÃO DE TRANSFORMADORES DE POTÊNCIA

4. APLICAÇÃO DA PROTEÇÃO DIFERENCIAL À PROTEÇÃO DE TRANSFORMADORES DE POTÊNCIA lever Pereir 4. PLÇÃO D PROTEÇÃO DFEREL À PROTEÇÃO DE TRSFORMDORES DE POTÊ 4.. Prinípio ásio s orrentes primáris e seundáris de um trfo de potêni gurdm entre si um relção onheid em ondições de operção

Leia mais

Faturamento_WEB_Porto_Seguro_2010_07_B.doc. Manual de Faturamento

Faturamento_WEB_Porto_Seguro_2010_07_B.doc. Manual de Faturamento Mnul de Fturmento ÍNDICE CARO CREDENCIADO, LEIA COM ATENÇÃO....3 MOVIMENTO MANUAL...3 DOCUMENTAÇÃO COMPLEMENTAR...3 COBRANÇA DE MATERIAL, MEDICAMENTOS E TAXAS (Outrs Despess)...3 FECHAMENTO DE LOTE E GRD...3

Leia mais

Manual de instalação. Aquecedor de reserva de monobloco de baixa temperatura Daikin Altherma EKMBUHCA3V3 EKMBUHCA9W1. Manual de instalação

Manual de instalação. Aquecedor de reserva de monobloco de baixa temperatura Daikin Altherma EKMBUHCA3V3 EKMBUHCA9W1. Manual de instalação Aquecedor de reserv de monoloco de ix tempertur Dikin EKMBUHCAV EKMBUHCA9W Portugues Índice Índice Acerc d documentção. Acerc deste documento... Acerc d cix. Aquecedor de reserv..... Pr retirr os cessórios

Leia mais

o equipamento da embalagem e verificar os componentes Fio da linha telefónica Manual Básico do Utilizador Folheto de Segurança e Questões Legais

o equipamento da embalagem e verificar os componentes Fio da linha telefónica Manual Básico do Utilizador Folheto de Segurança e Questões Legais Gui de Instlção Rápid Iníio MFC-7860DW Lei o folheto Segurnç e Questões Legis ntes de instlr o seu equipmento. Em seguid, lei o Gui de Instlção Rápid pr oter informções sore onfigurção e instlção orret.

Leia mais

TC17 LARGA Ondulada. ESPESSURA (mm) 0,35 0,43 0,50 0,65 08,0 3,36 4,13 4,80 6,24 7,68 3,43 4,21 4,89 6,37 7,84. L - DISTÂNCIA ENTRE APOIOS (mm)

TC17 LARGA Ondulada. ESPESSURA (mm) 0,35 0,43 0,50 0,65 08,0 3,36 4,13 4,80 6,24 7,68 3,43 4,21 4,89 6,37 7,84. L - DISTÂNCIA ENTRE APOIOS (mm) TC17 ARGA Onduld Telhs metális em ço, om inompráveis vntgens às onvenionis, presentndo-se omo um solução rquitetôni segur. Isto signifi eonomi de tempo n onstrução e minimizção dos ustos glois ns opções

Leia mais

Rua Guishi Yoshioka, 305 - Itaquera - São Paulo/SP Tel. (011) 6525-9555

Rua Guishi Yoshioka, 305 - Itaquera - São Paulo/SP Tel. (011) 6525-9555 PAULISTEEL Ru Guishi Yoshiok, 0 Itquer São Pulo/SP Tel. (0) 9 0 nos Perfil U pdrão merino Perfil I pdrão merino Perfil H pdrão merino Perfil T Cntoneir s iguis Cntoneir s desiguis Trilhos Perfís As Prlels

Leia mais

XEROX BOLETIM DE SEGURANÇA XRX07-001

XEROX BOLETIM DE SEGURANÇA XRX07-001 XEROX BOLETIM DE SEGURANÇA XRX07-001 XEROX Boletim de Segurnç XRX07-001 Há vulnerbiliddes n ESS/Controldor de Rede que, se forem explords, podem permitir execução remot de softwre rbitrário, flsificção

Leia mais

Hydraulics. Unidades Hidráulicas CATÁLOGO 2600-500/NA BR AGOSTO 1996

Hydraulics. Unidades Hidráulicas CATÁLOGO 2600-500/NA BR AGOSTO 1996 Hydrulics Uniddes Hidráulics CATÁLOGO 2600-500/NR AGOSTO 1996 Grnti Certificção Termo de grnti A Prker Hnnifin Ind. e Com. Ltd, Divisão Hidráulic, dorvnte denomind simplesmente Prker, grnte os seus produtos

Leia mais

McAfee Email Gateway Blade Server

McAfee Email Gateway Blade Server Gui de início rápido Revisão B McAfee Emil Gtewy Blde Server versão 7.x Esse gui de início rápido serve como um roteiro ásico pr instlção do servidor lde do McAfee Emil Gtewy. Pr oter instruções detlhds

Leia mais

Zelio Logic 2 Interface de comunicação SR2COM01 Ajuda para a utilização da pasta de exploração 11/2005

Zelio Logic 2 Interface de comunicação SR2COM01 Ajuda para a utilização da pasta de exploração 11/2005 Zelio Logi 2 Interfe e omunição SR2COM01 Aju pr utilizção pst e explorção 11/2005 1606327 Aju pr utilizção pst e explorção Desrição gerl Introução A pst e explorção é um fiheiro e texto rio pelo softwre

Leia mais

1.1) Dividindo segmentos em partes iguais com mediatrizes sucessivas.

1.1) Dividindo segmentos em partes iguais com mediatrizes sucessivas. COLÉGIO PEDRO II U. E. ENGENHO NOVO II Divisão Gráfi de segmentos e Determinção gráfi de epressões lgéris (qurt e tereir proporionl e médi geométri). Prof. Sory Izr Coord. Prof. Jorge Mrelo TURM: luno:

Leia mais

índice 1. Registro 2. Perfil 3. A minha rede 4. A partilha na Weduc 5. Mensagens

índice 1. Registro 2. Perfil 3. A minha rede 4. A partilha na Weduc 5. Mensagens índie 1. Registro 1.1. Registro Externo...5 1.2. Registro por reepção de um emil...8 1.2.1 Registro por meio de envio de um emil...8 1.2.2 Registro por meio d rição...9 2. Perfil 2.1. A opção multiperfil...11

Leia mais

Português. Manual de Instruções. Função USB. Transferindo padrões de bordado para a máquina Atualização fácil da sua máquina

Português. Manual de Instruções. Função USB. Transferindo padrões de bordado para a máquina Atualização fácil da sua máquina Mnul de Instruções Função USB Trnsferindo pdrões de borddo pr máquin Atulizção fácil d su máquin Português Introdução Este mnul fornece descrições sobre trnsferênci de pdrões de borddo de um mídi USB

Leia mais

BIAZAM PRODUTOS METALÚRGICOS

BIAZAM PRODUTOS METALÚRGICOS CATÁLOGO BIAZAM PRODUTOS METALÚRGICOS Bizm Fundd em 14, Bizm tu no merdo de ço tendendo um vst região dos Estdos do Prná, Rio Grnde do Sul, Snt Ctrin e São Pulo. No segmento de negóios onde está inserid,

Leia mais

T E L H A S M E T Á L I C A S. Catálogo Técnico

T E L H A S M E T Á L I C A S. Catálogo Técnico T E L H A S M E T Á L I C A S Ctálogo Ténio T E L H A S M E T Á L I C A S Visndo ofereer informções e orientções pr o melhor proveitmento dos produtos d Linh Metáli, Eternit elorou este tálogo ténio. Nele

Leia mais

Obrigado por escolher Besafe izi Kid i-size. Informação vital. Preparação para instalação SIP+

Obrigado por escolher Besafe izi Kid i-size. Informação vital. Preparação para instalação SIP+ 1 6 d c e Mnul de utilizção f h g i j k l m 7 8 10 2 3 9 c e d no sentido inverso o d mrch Altur 61-105 cm 4 5 11 12 Peso máximo 18 kg Idde 6m-4 UN regultion no. R129 i-size 8 9 Origdo por escolher Besfe

Leia mais

Plugues e Tomadas Industriais

Plugues e Tomadas Industriais Plugues e Toms Inustriis Linh Inustril Instlções mis onfiáveis e segurs. CARACTERÍSTICAS GERAIS A Linh e Plugs e Toms Inustriis Soprno é ini pr onexão e iversos equipmentos, em mientes sujeitos pó, águ,

Leia mais

Manual de Operação e Instalação

Manual de Operação e Instalação Mnul de Operção e Instlção Clh Prshll MEDIDOR DE VAZÃO EM CANAIS ABERTOS Cód: 073AA-025-122M Rev. B Novembro / 2008 S/A. Ru João Serrno, 250 Birro do Limão São Pulo SP CEP 02551-060 Fone: (11) 3488-8999

Leia mais

Uso Racional de Energia Elétrica em Residências e Condomínios

Uso Racional de Energia Elétrica em Residências e Condomínios Uso Rcionl de Energi Elétric em Residêncis e Condomínios Css Verifique s Condições ds Instlções : Dimensionmento; Execução; Mnutenção; Conservção. Css Verifique os Hábitos de consumo : Form pessol de utilizção

Leia mais

Internação WEB BR Distribuidora v20130701.docx. Manual de Internação

Internação WEB BR Distribuidora v20130701.docx. Manual de Internação Mnul de Internção ÍNDICE CARO CREDENCIADO, LEIA COM ATENÇÃO.... 3 FATURAMENTO... 3 PROBLEMAS DE CADASTRO... 3 PENDÊNCIA DO ATENDIMENTO... 3 ACESSANDO O MEDLINK WEB... 4 ADMINISTRAÇÃO DE USUÁRIOS... 5 CRIANDO

Leia mais

Manual de Operações. Product Code (Código do Produto) 885-V95/V97 PROCEDIMENTOS INICIAIS COSTURA BÁSICA PONTOS UTILITÁRIOS BORDADO APÊNDICE

Manual de Operações. Product Code (Código do Produto) 885-V95/V97 PROCEDIMENTOS INICIAIS COSTURA BÁSICA PONTOS UTILITÁRIOS BORDADO APÊNDICE Máquin de Bordr e Costurr Computdorizd Mnul de Operções Produt Code (Código do Produto) 885-V95/V97 PROCEDIMENTOS INICIAIS COSTURA BÁSICA PONTOS UTILITÁRIOS BORDADO APÊNDICE Visite-nos em http://solutions.rother.om

Leia mais

INSTRUÇÕES DE INSTALAÇÃO DO VESSELVIEW 7

INSTRUÇÕES DE INSTALAÇÃO DO VESSELVIEW 7 INSTRUÇÕES DE INSTALAÇÃO DO VESSELVIEW 7 NOTA: Depois de completr instlção, gurde ests instruções com o produto pr que o proprietário poss utilizáls no futuro. IMPORTANTE: Este documento orient nossos

Leia mais

TEMA CENTRAL: A interface do cuidado de enfermagem com as políticas de atenção ao idoso.

TEMA CENTRAL: A interface do cuidado de enfermagem com as políticas de atenção ao idoso. TERMO DE ADESÃO A POLITICA DE INSCRIÇÃO NOS EVENTOS DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ENFERMAGEM 9ª. JORNADA BRASILEIRA DE ENFERMAGEM GERIÁTRICA E GERONTOLÓGICA TEMA CENTRAL: A interfce do cuiddo de enfermgem

Leia mais

1º semestre de Engenharia Civil/Mecânica Cálculo 1 Profa Olga (1º sem de 2015) Função Exponencial

1º semestre de Engenharia Civil/Mecânica Cálculo 1 Profa Olga (1º sem de 2015) Função Exponencial º semestre de Engenhri Civil/Mecânic Cálculo Prof Olg (º sem de 05) Função Eponencil Definição: É tod função f: R R d form =, com R >0 e. Eemplos: = ; = ( ) ; = 3 ; = e Gráfico: ) Construir o gráfico d

Leia mais

CATÁLOGO TÉCNICO 01/2005 PORTUGAL

CATÁLOGO TÉCNICO 01/2005 PORTUGAL TÁLOGO TÉNIO 0/2005 PORTUGL MOLS ÉRES PR PORTS OXER (MOL OULT) RÇO GUI NORML E OM RETENÇÃO 9972 FORÇ 2/4 20 0 99735 FORÇ 3/6 20 0.5 MOL OXER OULT PR PORTS DE TENTE E VI-VÉM MOL (ORPO) GUI G 9537 - RÇO/GUI

Leia mais

Acoplamento. Tipos de acoplamento. Acoplamento por dados. Acoplamento por imagem. Exemplo. É o grau de dependência entre dois módulos.

Acoplamento. Tipos de acoplamento. Acoplamento por dados. Acoplamento por imagem. Exemplo. É o grau de dependência entre dois módulos. Acoplmento É o gru de dependênci entre dois módulos. Objetivo: minimizr o coplmento grndes sistems devem ser segmentdos em módulos simples A qulidde do projeto será vlid pelo gru de modulrizção do sistem.

Leia mais

a a 3,88965 $140 7 9% 7 $187 7 9% a 5, 03295

a a 3,88965 $140 7 9% 7 $187 7 9% a 5, 03295 Anuiddes equivlentes: $480 + $113 + $149 5 9% 5 VPL A (1, 09) $56, 37 A 5 9% 3,88965 5 9% 5 9% AE = = = = $14, 49 = 3,88965 AE B $140 $620 + $120 + 7 9% 7 VPL B (1, 09) $60, 54 = = = 5, 03295 7 9% 7 9%

Leia mais

Manual Passo a Passo ÍNDICE. Introdução...1 1. ABRINDO O SISTEMA - CENTRAL DO ASSINANTE

Manual Passo a Passo ÍNDICE. Introdução...1 1. ABRINDO O SISTEMA - CENTRAL DO ASSINANTE ÍNDICE Introdução...1 1. ABRINDO O SISTEMA - CENTRAL DO ASSINANTE Arindo o Sistem...2 Centrl do Assinnte...2 - Cdstro de Usuários...3 - Tro de Senh...3 - Esttísti de Utilizção do Sistem...3 - Comptção

Leia mais

Máquina retificadora circular para utilização universal

Máquina retificadora circular para utilização universal Máquin retifidor irulr pr utilizção universl Werkzeugmshinenfbrik Gluhu GmbH WEMA S2 S3 S6 S10 POR 2 WEMA Gluhu Soluções individuis pr retifição sem limites Utilize su máquin retifidor WEMA: Soluções à

Leia mais

TK-810 OBRIGADO SEU RECIBO VENHA DE NOVO! HAMBÚRGUER CAFÉ BATATAS FRITAS SANDUÍCHE SORVETE CAIXA REGISTRADORA ELETRÔNICA

TK-810 OBRIGADO SEU RECIBO VENHA DE NOVO! HAMBÚRGUER CAFÉ BATATAS FRITAS SANDUÍCHE SORVETE CAIXA REGISTRADORA ELETRÔNICA CAIA ISTRADORA ELETRÔNICA TK-810 OBRIGADO SEU RECIBO VENHA DE NOVO! HAMBÚRGUER 10 CAFÉ BATATAS FRITAS SANDUÍCHE SORVETE C 7 8 9 4 5 6 1 2 3 0 00 TK-810 10 Eu Di U.K. MANUAL DE INSTRUÇÕES DO OPERADOR V

Leia mais

LISTA DE EXERCÍCIOS Questões de Vestibulares. e B = 2

LISTA DE EXERCÍCIOS Questões de Vestibulares. e B = 2 LISTA DE EXERCÍCIOS Questões de Vestiulres ) UFBA 9 Considere s mtries A e B Sendo-se que X é um mtri simétri e que AX B, determine -, sendo Y ( ij) X - R) ) UFBA 9 Dds s mtries A d Pode-se firmr: () se

Leia mais

Cartilha Explicativa. Segurança para quem você ama.

Cartilha Explicativa. Segurança para quem você ama. Crtilh Explictiv Segurnç pr quem você m. Bem-vindo, novo prticipnte! É com stisfção que recebemos su desão o Fmíli Previdênci, plno desenhdo pr oferecer um complementção de posentdori num modelo moderno

Leia mais

AMBER: uma linguagem para o desenvolvimento de sistemas distribuídos

AMBER: uma linguagem para o desenvolvimento de sistemas distribuídos AMBER: um lingugem pr o desenvolvimento de sistems distriuídos Luís Ferreir Pires Cléver Rirdo Gureis de Fris Telemtis Systems nd Servies, University of Twente P.O. Box 217, 7500 AE Enshede, the Netherlnds

Leia mais

Manual de Operações Atualização do KIT I

Manual de Operações Atualização do KIT I Mnul de Operções Atulizção do KIT I ÍNDICE ANTES DE INICIAR... 2 NOVOS RECURSOS...2 EXIBIÇÃO DO TECIDO DURANTE O ALINHAMENTO DA POSIÇÃO DO BORDADO... 3 ALTERAÇÃO DO TAMANHO DO DESENHO, MANTENDO A DENSIDADE

Leia mais

MANUTENÇÃO SELEÇÃO DE PEÇAS DE REPOSIÇÃO PARA O MOTOR DE POPA

MANUTENÇÃO SELEÇÃO DE PEÇAS DE REPOSIÇÃO PARA O MOTOR DE POPA Cuiddos com o Motor de Pop MANUTENÇÃO Pr mnter o seu motor de pop n melhor condição de operção é muito importnte que o seu motor de pop rece mnutenção e inspeção periódic, conforme está indicdo n seção

Leia mais

2015 Mercury Marine VesselView 4 8M0102714 1214 por

2015 Mercury Marine VesselView 4 8M0102714 1214 por 2015 Mercury Mrine VesselView 4 8M0102714 1214 por ÍNDICE Seção 1 - Introdução Visão gerl do VesselView 4... 2 Botões... 2 Seleção do idiom exibido... 2 Pinel trseiro... 3 Loclizções e descrições do monitor

Leia mais

Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Comissão Permanente de Concurso Público CONCURSO PÚBLICO 23 / MAIO / 2010

Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Comissão Permanente de Concurso Público CONCURSO PÚBLICO 23 / MAIO / 2010 Ministério d Educção Universidde Tecnológic Federl do Prná Comissão Permnente de Concurso Público PR CONCURSO PÚBLICO 23 / MAIO / 2010 ÁREA / SUBÁREA: ELETROTÉCNICA GABARITO PROJETOS ELÉTRICOS INSTRUÇÕES

Leia mais

Matemática Aplicada. A Mostre que a combinação dos movimentos N e S, em qualquer ordem, é nula, isto é,

Matemática Aplicada. A Mostre que a combinação dos movimentos N e S, em qualquer ordem, é nula, isto é, Mtemátic Aplicd Considere, no espço crtesino idimensionl, os movimentos unitários N, S, L e O definidos seguir, onde (, ) R é um ponto qulquer: N(, ) (, ) S(, ) (, ) L(, ) (, ) O(, ) (, ) Considere ind

Leia mais

CECOMETAL. Distribuidora Ltda. CECOMETAL Distribuidora Ltda. A entrega mais rápida e confiável de Campinas

CECOMETAL. Distribuidora Ltda. CECOMETAL Distribuidora Ltda. A entrega mais rápida e confiável de Campinas Distriuidor Ltd A entreg mis rápid e onfiável de Cmpins Ru José Gonçlves Mhdo, 132, Vil Elz Cmpins-SP - CEP: 141-5 Fone/Fx: (1) 3232-7 VIVO: (1) 1-546 ID:7* E-mil: eometl@eometl.om.r CECOMETAL Distriuidor

Leia mais

WWW.escoladoeletrotecnico.com.br

WWW.escoladoeletrotecnico.com.br USOPE USO PEPAATÓIO PAA ONUSOS EM ELETOTÉNIA PE ELETIIDADE (Ligções SÉI E E PAALELA. EDE DELTA E ESTELA) AULA Prof.: Jen WWW.esoldoeletrotenio.om.r 0 de Setemro de 007 LIGAÇÕES SÉIES E PAALELAS USOPE.

Leia mais

de Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia

de Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia Anis do I Seminário Internionl de Ciênis do Ambiente e Sustentbilidde n Amzôni AGROTÓXICOS: PRODUTOS REGISTRADOS PARA REVENDA NO ESTADO DO TOCANTINS EM COMPARAÇÃO COM OS AUTORIZADOS NO BRASIL Adrin Mtos

Leia mais

USO DOMÉSTICO JET CLEAN. Manual de Instruções Lavadora de Alta Pressão Residencial. ATENÇÃO: Leia as instruções antes do uso.

USO DOMÉSTICO JET CLEAN. Manual de Instruções Lavadora de Alta Pressão Residencial. ATENÇÃO: Leia as instruções antes do uso. Mnul de Instruções Lvdor de Alt Pressão Residencil JET CLEAN ATENÇÃO: Lei s instruções ntes do uso. USO DOMÉSTICO SAL -Serviço de Atendimento Lvor 0800 770-2715 COMPONENTES G A N O F { F.1 F.2 F.3 C M

Leia mais

Conheça a sua fatura da água!

Conheça a sua fatura da água! Conheç su ftur d águ! Jneiro de 20 FATURA/RECIBO N.º: 27 VALOR 8,7 Euros Município de Reguengos de Monsrz Titulr / Locl Mord ou sítio de leitur/do contdor Loclidde d mord de leitur NIF: Áre NIPC 07 040

Leia mais

Manual de Operações. Máquina de costura MODELO VQ2400

Manual de Operações. Máquina de costura MODELO VQ2400 Mnul de Operções Máquin de costur MODELO VQ2400 Certifique-se de ler este documento ntes de utilizr máquin. Recomendmos gurdr este documento em um lugr de fácil cesso pr futurs referêncis. INTRODUÇÃO

Leia mais

USO DOMÉSTICO. Manual de Instruções Lavadora de Alta Pressão Residencial. ATENÇÃO: Leia as instruções antes do uso.

USO DOMÉSTICO. Manual de Instruções Lavadora de Alta Pressão Residencial. ATENÇÃO: Leia as instruções antes do uso. Mnul de Instruções Lvdor de Alt Pressão Residencil SK USO DOMÉSTICO ATENÇÃO: Lei s instruções ntes do uso. SAL -Serviço de Atendimento Lvor 0800 770-715 COMPONENTES F A M N D E { E.1 E. E.3 C K L B { L.

Leia mais

Início. Guia de Instalação Rápida HL-4570CDW HL-4570CDWT. o aparelho e verifique os componentes ADVERTÊNCIA AVISO. Nota

Início. Guia de Instalação Rápida HL-4570CDW HL-4570CDWT. o aparelho e verifique os componentes ADVERTÊNCIA AVISO. Nota Gui e Instlção Rápi Iníio (pens UE) HL-4570CDW HL-4570CDWT Antes e utilizr este prelho pel primeir vez, lei este Gui e Instlção Rápi pr o onfigurr e instlr. Pr ver o Gui e Instlção Rápi noutros iioms,

Leia mais

Manual de Operações. Máquina de Bordar MODELO BP2100

Manual de Operações. Máquina de Bordar MODELO BP2100 Mnul de Operções Máquin de Bordr MODELO BP2100 Certifique-se de ler este documento ntes de utilizr máquin. Recomendmos gurdr este documento em um lugr de fácil cesso pr futurs referêncis. MARCAS COMERCIAIS

Leia mais

Faculdade de saúde Pública. Universidade de São Paulo HEP-5705. Epidemiologia I. Estimando Risco e Associação

Faculdade de saúde Pública. Universidade de São Paulo HEP-5705. Epidemiologia I. Estimando Risco e Associação 1 Fuldde de súde Públi Universidde de São Pulo HEP-5705 Epidemiologi I Estimndo Riso e Assoição 1. De 2.872 indivíduos que reeberm rdioterpi n infâni em deorrêni de presentrem o timo umentdo, 24 desenvolverm

Leia mais

Revestimentos com alto desempenho para indústria de petróleo e gás. Desempenho excepcional, excelente serviço ao cliente

Revestimentos com alto desempenho para indústria de petróleo e gás. Desempenho excepcional, excelente serviço ao cliente Petróleo e Gás Revestimentos com lto desempenho pr indústri de petróleo e gás Desempenho excepcionl, excelente serviço o cliente Representndo Revestimentos de polietileno Revestimentos de polipropileno

Leia mais

Simbolicamente, para. e 1. a tem-se

Simbolicamente, para. e 1. a tem-se . Logritmos Inicilmente vmos trtr dos ritmos, um ferrment crid pr uilir no desenvolvimento de cálculos e que o longo do tempo mostrou-se um modelo dequdo pr vários fenômenos ns ciêncis em gerl. Os ritmos

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DE CALDAS TAIPAS CURSO PROFISSIONAL DE TÉCNICO DE RECEÇÃO. DISCIPLINA: OPERAÇÕES TÉCNICAS DE RECEÇÃO (12º Ano Turma M)

ESCOLA SECUNDÁRIA DE CALDAS TAIPAS CURSO PROFISSIONAL DE TÉCNICO DE RECEÇÃO. DISCIPLINA: OPERAÇÕES TÉCNICAS DE RECEÇÃO (12º Ano Turma M) ESCOLA SECUNDÁRIA DE CALDAS TAIPAS CURSO PROFISSIONAL DE TÉCNICO DE RECEÇÃO DISCIPLINA: (12º Ano Turm M) PLANIFICAÇÃO ANUAL Diretor do Curso Teres Sous Docente Teres Bstos Ano Letivo 2015/2016 Competêncis

Leia mais

Ar condicionado a absorção e Central modular de co-geração de energia

Ar condicionado a absorção e Central modular de co-geração de energia Ar condiciondo sorção e Centrl modulr de co-gerção de energi Opções Competitivs n Gestão Energétic Eng./Arq. Mrco Tulio Strling de Vsconcellos IX CONBRAVA 23 de Setemro de 2005 Tópicos d Apresentção Chillers

Leia mais

Capítulo 1 Introdução à Física

Capítulo 1 Introdução à Física Vetor Pré Vestiulr Comunitário Físic 1 Cpítulo 1 Introdução à Físic Antes de começrem com os conceitos práticos d Físic, é imprescindível pr os lunos de Pré-Vestiulr estrem certificdos de que dominm os

Leia mais

Uma Contribuição para a Detecção de Faltas Fase-Terra de Alta Impedância

Uma Contribuição para a Detecção de Faltas Fase-Terra de Alta Impedância 1 Um Contriuição pr Deteção de lts se-terr de Alt Impedâni Dniel O. rin, B.S, UU(*), José C. Oliveir Ph.D, UU; José W. Resende, PhD, UU (*): UU: Universidde ederl de Uerlândi Resumo ste trlho trt d proteção

Leia mais

6.1 Recursos de Curto Prazo ADMINISTRAÇÃO DO CAPITAL DE GIRO. Capital de giro. Capital circulante. Recursos aplicados em ativos circulantes (ativos

6.1 Recursos de Curto Prazo ADMINISTRAÇÃO DO CAPITAL DE GIRO. Capital de giro. Capital circulante. Recursos aplicados em ativos circulantes (ativos ADMINISTRAÇÃO DO CAPITAL DE GIRO 6.1 Recursos de curto przo 6.2 Administrção de disponibiliddes 6.3 Administrção de estoques 6.4 Administrção de conts 6.1 Recursos de Curto Przo Administrção Finnceir e

Leia mais

Dia 1 de Outubro Dia Nacional da Água

Dia 1 de Outubro Dia Nacional da Água Divisão de Plnemento Ambientl e Proteção Civil Di 1 de Outubro Di Ncionl d Águ entre 2 mil e 8 mil milhões de pessos té Águ 2050, num momento em que meç do Aquecimento Globl d Terr é um A águ é essencil

Leia mais

Início. Guia de Configuração Rápida DCP-8112DN DCP-8152DN DCP-8157DN. o aparelho e verifique os componentes

Início. Guia de Configuração Rápida DCP-8112DN DCP-8152DN DCP-8157DN. o aparelho e verifique os componentes Gui e Configurção Rápi Iníio DCP-8112DN DCP-8152DN DCP-8157DN Origo por esolher Brother. Seu inentivo é importnte pr nós, que vlorizmos seus negóios. Seu prouto Brother foi projeto e frio om os mis ltos

Leia mais

COMPONENTES PARA PROJETO DE SIMULAÇÃO DE PROGRAMAS SUPERVISÓRIOS (VISUAL BASIC) Manual de operação

COMPONENTES PARA PROJETO DE SIMULAÇÃO DE PROGRAMAS SUPERVISÓRIOS (VISUAL BASIC) Manual de operação COMPONENTES PARA PROJETO DE SIMULAÇÃO DE PROGRAMAS SUPERVISÓRIOS (VISUAL BASIC) Mnul de operção Mnul de operção pr utilizção de componentes ActiveX pr Visul Bsic e lingugens Visuis que ceitem este recurso.

Leia mais

Transporte de solvente através de membranas: estado estacionário

Transporte de solvente através de membranas: estado estacionário Trnsporte de solvente trvés de membrns: estdo estcionário Estudos experimentis mostrm que o fluxo de solvente (águ) em respost pressão hidráulic, em um meio homogêneo e poroso, é nálogo o fluxo difusivo

Leia mais

Máquina de Costurar Computadorizada. Manual de Operações

Máquina de Costurar Computadorizada. Manual de Operações CONHEÇA SUA MÁQUINA DE COSTURA COSTURA BÁSICA VÁRIOS PONTOS APÊNDICE Máquin de Costurr Computdorizd Mnul de Operções Visite-nos em http://solutions.rother.com onde você poderá oter suporte do produto e

Leia mais

LFS - Canaletas de PVC UFS - Caixas de Tomada para Piso

LFS - Canaletas de PVC UFS - Caixas de Tomada para Piso Ctálogo LFS - UFS LFS - Cnlets de PVC UFS - Cixs de Tomd pr Piso fique conectdo. pense oo. Linh LFS Cnlets de PVC Com lto pdrão estético, s cnlets OBO vlorizm o miente, lém de oferecerem possiilidde de

Leia mais

CÓDIGO DE CONDUTA MÓDULO CHÁ. Versão 1.1

CÓDIGO DE CONDUTA MÓDULO CHÁ. Versão 1.1 CÓDIO DE CONDUTA MÓDULO CHÁ Versão 1.1 Cópis e trduções deste documento estão disponíveis em formto eletrônico no site d UTZ Certified: www.utzcertified.org Este documento foi trduzido do Inglês. Se houver

Leia mais

AVALIAÇÃO DA AÇÃO DE EXTRATOS ALCOÓLICOS DE CHOMELIA OBTUSA NA GERMINAÇÃO E CRESCIMENTO DE PLÂNTULAS DE ALFACE (LACTUCA SATIVA L.)

AVALIAÇÃO DA AÇÃO DE EXTRATOS ALCOÓLICOS DE CHOMELIA OBTUSA NA GERMINAÇÃO E CRESCIMENTO DE PLÂNTULAS DE ALFACE (LACTUCA SATIVA L.) ISBN 978-85-61091-05-7 Enontro Internionl de Produção Científi Cesumr 27 30 de outuro de 2009 AVALIAÇÃO DA AÇÃO DE EXTRATOS ALCOÓLICOS DE CHOMELIA OBTUSA NA GERMINAÇÃO E CRESCIMENTO DE PLÂNTULAS DE ALFACE

Leia mais

Considerando a necessidade de contínua atualização do Programa de Controle da Poluição do Ar por Veículos Automotores - PROCONVE;

Considerando a necessidade de contínua atualização do Programa de Controle da Poluição do Ar por Veículos Automotores - PROCONVE; http://www.mm.gov.br/port/conm/res/res97/res22697.html Pge 1 of 5 Resoluções RESOLUÇÃO Nº 226, DE 20 DE AGOSTO DE 1997 O Conselho Ncionl do Meio Ambiente - CONAMA, no uso ds tribuições que lhe são conferids

Leia mais

Guia de Procedimento do Leilão

Guia de Procedimento do Leilão Gui de Proedimento do Leilão Dislimer: Este doumento foi preprdo pr poir nálise ds regrs e proedimentos do leilão, inluindo sempre que justifido lguns exemplos prátios. Este doumento não onstitui prte

Leia mais

EXPERIÊNCIA 3 PONTE DE WHEATSTONE

EXPERIÊNCIA 3 PONTE DE WHEATSTONE EXPEIÊNCIA 3 PONTE DE WHEATSTONE I - OBJETIVO: Utilizr ponte de Whetstone omo instrumento de medid de resistêni de extrem preisão e disutir o oneito de resistêni elétri. II - PATE TEÓICA: INTODUÇÃO: Muits

Leia mais

ADVERTÊNCIA indica uma situação potencialmente perigosa que, se não for evitada, pode resultar em morte ou ferimentos graves.

ADVERTÊNCIA indica uma situação potencialmente perigosa que, se não for evitada, pode resultar em morte ou ferimentos graves. Gui e Instlção Rápi Iníio MFC-7360N MFC-7460DN Lei o folheto Segurnç e Questões Legis ntes e instlr o seu equipmento. Em segui, lei o Gui e Instlção Rápi pr oter informções sore onfigurção e instlção orret.

Leia mais

1. IDENTIFICAÇÃO DO RESPONSÁVEL PELO EMPREENDIMENTO: 1.1. NOME: 1.3. CPF: 1.4. Endereço: 2.1-Razão Social: 2.2- Nome Fantasia:

1. IDENTIFICAÇÃO DO RESPONSÁVEL PELO EMPREENDIMENTO: 1.1. NOME: 1.3. CPF: 1.4. Endereço: 2.1-Razão Social: 2.2- Nome Fantasia: Cdstro de Instlções e Sistems de Armzenmento de Derivdos de Petróleo e Outros Combustíveis 1. IDENTIFICAÇÃO DO RESPONSÁVEL PELO EMPREENDIMENTO: 1.1. NOME: 1.2. Doc. Identidde: Órgão Expedidor: UF: 1.3.

Leia mais

Construção e montagem

Construção e montagem Construção e montgem Tetos Knuf D11 Construção Os tetos Knuf com chps de gesso podem ser fixdos diretmente o teto originl ou suspensos com tirnte e suportes. As chps de gesso são prfusds num estrutur metálic,

Leia mais

o aparelho e verifique os componentes Conjuntos de unidade de cilindro e cartucho de toner (pré-instalados) (preto, ciano, magenta e amarelo)

o aparelho e verifique os componentes Conjuntos de unidade de cilindro e cartucho de toner (pré-instalados) (preto, ciano, magenta e amarelo) Gui e Configurção Rápi Iníio DCP-9020CDN Lei primeiro o Gui e Segurnç e Prouto e epois lei este Gui e Configurção Rápi pr exeutr orretmente o proeimento e onfigurção e instlção. Pr visulizr o Gui e Configurção

Leia mais

1 As grandezas A, B e C são tais que A é diretamente proporcional a B e inversamente proporcional a C.

1 As grandezas A, B e C são tais que A é diretamente proporcional a B e inversamente proporcional a C. As grndezs A, B e C são tis que A é diretmente proporcionl B e inversmente proporcionl C. Qundo B = 00 e C = 4 tem-se A = 5. Qul será o vlor de A qundo tivermos B = 0 e C = 5? B AC Temos, pelo enuncido,

Leia mais

Micrómetros de Exteriores

Micrómetros de Exteriores Mirómetros de Exteriores Grdução: 0,01 Tmor e veio rdudo romdo-foso, Ø 15 Fuso de medição: Ø 6,35 Psso 0,5 om loquedor Aço forjdo,, romdo-foso Forneido om estojo, hve Tmor e veio rdudo romdo-foso, Ø 18

Leia mais

o equipamento da embalagem e verificar os componentes Conjunto de unidade do tambor e cartucho de toner (pré-instalado)

o equipamento da embalagem e verificar os componentes Conjunto de unidade do tambor e cartucho de toner (pré-instalado) Gui e Instlção Rápi Iníio MFC-8950DW(T) Lei primeiro o Gui e Segurnç e Prouto e epois este Gui e Instlção Rápi pr exeutr orretmente o proeimento e instlção e onfigurção. Pr ver o Gui e Instlção Rápi noutros

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DE CALDAS TAIPAS CURSO PROFISSIONAL DE TÉCNICO DE COMÉRCIO. DISCIPLINA: ORGANIZAR E GERIR A EMPRESA (10º Ano Turma K)

ESCOLA SECUNDÁRIA DE CALDAS TAIPAS CURSO PROFISSIONAL DE TÉCNICO DE COMÉRCIO. DISCIPLINA: ORGANIZAR E GERIR A EMPRESA (10º Ano Turma K) ESCOLA SECUNDÁRIA DE CALDAS TAIPAS CURSO PROFISSIONAL DE TÉCNICO DE COMÉRCIO DISCIPLINA: ORGANIZAR E GERIR A EMPRESA (10º Ano Turm K) PLANIFICAÇÃO ANUAL Diretor do Curso Celso Mnuel Lim Docente Celso Mnuel

Leia mais

1 Fórmulas de Newton-Cotes

1 Fórmulas de Newton-Cotes As nots de ul que se seguem são um compilção dos textos relciondos n bibliogrfi e não têm intenção de substitui o livro-texto, nem qulquer outr bibliogrfi. Integrção Numéric Exemplos de problems: ) Como

Leia mais

INTEGRAL DEFINIDO. O conceito de integral definido está relacionado com um problema geométrico: o cálculo da área de uma figura plana.

INTEGRAL DEFINIDO. O conceito de integral definido está relacionado com um problema geométrico: o cálculo da área de uma figura plana. INTEGRAL DEFINIDO O oneito de integrl definido está reliondo om um prolem geométrio: o álulo d áre de um figur pln. Vmos omeçr por determinr áre de um figur delimitd por dus rets vertiis, o semi-eio positivo

Leia mais

TARIFÁRIO 2016 Operadora Nacional SEMPRE PERTO DE VOCÊ

TARIFÁRIO 2016 Operadora Nacional SEMPRE PERTO DE VOCÊ TARIFÁRIO 2016 Operdor Ncionl SEMPRE PERTO DE VOCÊ 24 HOTÉIS PORTUGAL E BRASIL LAZER E NEGÓCIOS CIDADE, PRAIA E CAMPO Os Hotéis Vil Glé Brsil Rio de Jneiro VILA GALÉ RIO DE JANEIRO 292 qurtos 2 resturntes

Leia mais

o aparelho e verifique os componentes

o aparelho e verifique os componentes Gui e Configurção Rápi Iníio MFC-J6510DW MFC-J6710DW Lei o folheto Segurnç e Questões Legis ntes e instlr seu prelho. Depois lei este Gui e Configurção Rápi pr onfigurção e instlção orrets. AVISO CUIDADO

Leia mais

Rolamentos com uma fileira de esferas de contato oblíquo

Rolamentos com uma fileira de esferas de contato oblíquo Rolmentos com um fileir de esfers de contto oblíquo Rolmentos com um fileir de esfers de contto oblíquo 232 Definições e ptidões 232 Séries 233 Vrintes 233 Tolerâncis e jogos 234 Elementos de cálculo 236

Leia mais

Sensor Laser de Distância LT3

Sensor Laser de Distância LT3 Sensores d Série LT3 Sensor Lser de Distâni LT3 Crterístis O Sensor Lser de Distâni LT3 utiliz tenologi time-of-flight (tempo de vôo) pr forneer medição preis de longs distânis. Fornee preisão e lnes exepionis

Leia mais

Comportamento de RISCO

Comportamento de RISCO Comportmento de RISCO SEXO e um responsilidde Aprtment203/1016YA FCRISKY Cred Progrm Ncionl De Lut Contr SIDA Poe seguinte list por ordem, do comportmento mis seguro pr o mis rriscdo c d Ter vários prceiros

Leia mais

Manual do Proprietário (A.2.5) ISO Partida do motor de popa (Outboard) (A.5.1.4) ISO 11547

Manual do Proprietário (A.2.5) ISO Partida do motor de popa (Outboard) (A.5.1.4) ISO 11547 Bem-vindo ordo! Prestr os cuiddos e mnutenção dequdos é muito importnte pr mnter o seu equipmento Mercury funcionndo o nível mis elevdo de eficiênci e economi. O Crtão de Registro do Proprietário é o seu

Leia mais

510 Series Color Jetprinter

510 Series Color Jetprinter 510 Series Color Jetprinter Gui do usuário pr Windows Solução de prolems de configurção Um list de verificção pr encontrr soluções pr prolems comuns de configurção. Visão gerl d impressor Informções sore

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE FERREIRA DO ZÊZERE

CÂMARA MUNICIPAL DE FERREIRA DO ZÊZERE CAPITULO I VENDA DE LOTES DE TERRENO PARA FINS INDUSTRIAIS ARTIGO l. A lienção, trvés de vend, reliz-se por negocição direct com os concorrentes sendo o preço d vend fixo, por metro qudrdo, pr um ou mis

Leia mais

Regras. Resumo do Jogo Resumo do Jogo. Conteúdo. Conteúdo. Objetivo FRENTE do Jogo

Regras. Resumo do Jogo Resumo do Jogo. Conteúdo. Conteúdo. Objetivo FRENTE do Jogo Resumo do Jogo Resumo do Jogo Regrs -Qundo for seu turno, você deve jogr um de sus crts no «ponto n linh do tempo» que estej correto. -Se você jogr crt corretmente, terá um crt menos à su frente. -Se você

Leia mais