Perfil das empresas. Porte da Empresa. Tipo de indústria. (NA) (%) Média De 100 a 499 funcionários Grande ou mais funcionários

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Perfil das empresas. Porte da Empresa. Tipo de indústria. (NA) (%) Média 84 55 De 100 a 499 funcionários Grande 69 45 500 ou mais funcionários"

Transcrição

1 Perfil das empresas Porte da Empresa (NA) Média 84 De 00 a 499 funcionários Grande ou mais funcionários 3 00 Tipo de indústria (NA) Indústria/agência de embalagens 33 Usuária de embalagens

2 Setor de atuação das empresas 2 Alimentos 33 Indústria de embalagem 30 Cosméticos e cuidados pessoais 2 Bebidas Farmacêutico 3 Papel e Celulose 3 Empresa de design de embalagem Produtos de limpeza 2 2 Outros 0 Fonte: F. Qual das opções que eu vou ler agora melhor representa o principal setor de atuação de sua empresa (Ler opções RU):

3 Cargo do entrevistado nas empresas Empresas que possuem responsáveis por sustentabilidade Gerente Coordenador Técnicos Comprador 2 Especialista de projetos Expedição Gestor de produtos Gestor administrativo Gestor de qualidade e meio ambiente Gestor de marketing kti Assessor de qualidade assegurada Assistente de gestão de qualidade Assistente social Chefe de inovação e renovação Encarregado RH Consultor de sustentabilidade Contador Controladoria Controler Procurador Representante de qualidade ADM Supervisor Analista Engenheiro Diretor 8 0 Outros Empresas que não possuem responsáveis por sustentabilidade Gerente Coordenador Técnico em meio ambiente 2 3 Supervisor 30 Base: empresas que possuem responsável por sustentabilidade (33) / empresas que não possuem responsável por sustentabilidade (20) Fonte: F / F4. Qual o seu cargo atual dentro da empresa? (RU - Espontânea) Diretor

4 Responsável por sustentabilidade nas empresas 4 A maioria i das empresas possui responsáveis por sustentabilidade internamente Tem alguém responsável na própria empresa 87 Não tem ninguém que cuide disso na empresa 3 Fonte: F4. Na sua empresa, tem alguma pessoa que seja responsável por sustentabilidade, ou seja, responsável por práticas que demonstram respeito e preocupação com o meio ambiente e com a sociedade, como a reciclagem de embalagens, por exemplo? (RU LEIA AS ALTERNATIVAS)

5 Área da empresa em que o entrevistado trabalha Empresas que possuem responsáveis por sustentabilidade Desenvolvimento de produtos Engenharia Gestão de análises gerenciais Administração industrial Contábil PCP planejamento Certificação da qualidade Sustentabilidade Desenvolvimento de embalagens Marketing Compras Meio ambiente Diretoria Segurança (s/e) Produção Administrativo Outras Ligada a área de: RH 20 Marketing 4 Administrativo 4 Meio eoambiente be 2 Industrial 8 Sustentabilidade 6 Qualidade 4 Logística 4 Pesquisa 4 Outros 4 Controle de qualidade e engenharia Qualidade e meio ambiente Assuntos Corporativos Cartões Almoxarifado Gestão integrada Operacional Empresas que não possuem responsáveis por sustentabilidade Controle de qualidade Área de Marketing Meio ambiente RH Administrativo Comercial Desenvolvimento de produtos 0 2 Compras Base: empresas que possuem responsável por sustentabilidade (33) / empresas que não possuem responsável por sustentabilidade (20) Fonte: F2 / F3. Em que área da empresa você trabalha? (RU - Espontânea) Segurança do trabalho Novos negócios Desenho de embalagens

6 Grau de escolaridade do entrevistado Colegial completo Superior Completo 49 Pós-graduação Fonte: Q. Qual seu grau de escolaridade? (RU Espontânea)

7 Tempo de trabalho dedicado à sustentabilidade 00% 90% 80% 7% 70% 60% 0% 40% 3% 30% 2% 20% % 0% % 4% 3% % Nenhum % 32% 47% 7 Média = 37,4% Fonte: Q4 E qual é o tempo do seu trabalho que você dedica a cuidar de sustentabilidade? (a resposta deve estar entre 0 e 00%) (RU Espontânea)

8 Importância da sustentabilidade para a empresa (Escala de 3 pontos: Muito importante, Pouco importante e Nada importante) 8 Em geral, as empresas consideram o assunto sustentabilidade muito importante Muito importante (3) 9 Pouco importante (2) 9 Média = 2,9 Fonte: Q. Na sua opinião, qual a importância da sustentabilidade para sua empresa? (RU Estimulada)

9 Embalagem está inserida em sustentabilidade 9 A embalagem está inserida no assunto sustentabilidade Sim 88 Não 2 Média = 2,9 Fonte: Q6. A embalagem está inserida neste assunto de sustentabilidade na sua empresa? (RU Estimulada)

10 Ações tomadas à respeito de embalagem e sustentabilidade Tomam ações concretas a respeito de embalagens e sustentabilidade 0 Sim 78 Não 22 Média = 2,9 Fonte: Q7. Sua empresa tomou ações concretas no que diz respeito à embalagem e sustentabilidade? Se sim, quais ações sua empresa tomou? (RU - Espontânea)

11 Ações tomadas à respeito de embalagem e sustentabilidade REFERÊNCIAS À RECICLAGEM 39 Reciclagem de embalagens 2 Sistema de coleta seletiva para reciclagem Todo material é reenviado aos fornecedores 3 REFERÊNCIAS À MATERIA PRIMA DAS EMBALAGENS 3 Desenvolvim. de embalagens biodegradáveis 9 Só usamos / compramos materiais recicláveis 7 Redução de matéria prima 3 Só usamos papel reciclado / material reciclado 3 Busca de materiais renováveis 3 REFERÊNCIAS AOS RESÍDUOS 3 Destinação correta de resíduos à empresas 6 Reciclagem de resíduos 4 REFERÊNCIAS À CERTIFICAÇÃO 9 Temos certificado FFC / FSC 3 REFERÊNCIAS À ALTERAÇÃO DE DIMENSÕES 8 Redução de gramatura 4 Compactação de embalagens 3 REFERÊNCIAS À ECONOMIA 6 Economia de energia elétrica 3 Fonte: Q7. Sua empresa tomou ações concretas no que diz respeito à embalagem e sustentabilidade? Se sim, quais ações sua empresa tomou? (RU - Espontânea)

12 Informações aos consumidores a respeito de sustentabilidade Muitas empresas não informam os consumidores a respeito das suas ações 2 Informam 60 Não informam 40 Fonte: Q7. Sua empresa tomou ações concretas no que diz respeito à embalagem e sustentabilidade? Se sim, quais ações sua empresa tomou? (RU - Espontânea)

13 Meios que a empresa utiliza para informar os consumidores sobre sustentabilidade t d 3 Principais meios são a internet e a própria embalagem Base (92) Internet 48 A própria embalagem 33 Revistas, jornais 8 Informalidade/conversa com amigos 7 Marketing interno Propaganda na TV 3 Canal de vendas/pessoalmente 3 Relatórios de auditoria 3 Não sei 2 Base: Informam consumidores (92) Fonte: Q.8 Como sua empresa informa ou divulga sustentabilidade aos consumidores? (RM - Espontânea)

14 Avaliação das informações disponíveis sobre sustentabilidade t d Informações disponíveis são consideradas são fáceis de serem encontradas, mas também insuficientes, tecnicamente fracas e confusas 4 Base (3) Fácil de achá-las 3 Insuficientes 22 Tecnicamente fracas 20 Confusas 2 Tendenciosas 6 Equivocadas 3 Vem dentro do contexto geral sobre sustentabilidade Contraditórias, falta consenso Muita coisa comercial Adequadas Difíceis de achar Corretas Fonte: Q.9 Como você avalia as informações disponíveis sobre sustentabilidade da embalagem? (RU LER ALTERNATIVAS E PERGUNTAR OU ALGUMA OUTRA )

15 Opinião sobre campanhas feitas contra embalagens 38%dasempresasreconhecemcomoum reconhecem como alerta para o setor Base (3) Um alerta para o setor 38 Não correspondem a realidade do setor 8 São corretas 6 São exageradas 6 Não conhece campanhas contra as embalagens 2 Fonte: Q.0 Qual sua opinião sobre as campanhas feitas contra as embalagens, você acha que estas campanhas são? (RU LER ALTERNATIVAS)

16 Materiais que compõem o lixo e que contaminam os aterros sanitários Material de embalagem é o que está mais presente nos lixos... 6 Materiais que compõem o lixo Material de embalagem 0 Matéria orgânica 30 Entulho 4 Lixo eletrônico 3 Tudo misturado Pneus/Móveis Não sabe 2 Fonte: Q. Na sua opinião, a maior parte do lixo das grandes cidades é composta por matéria orgânica (restos de comida), material de embalagem, entulho, lixo eletrônico ou por alguma outra coisa? (RU - estimulada) Q.2 E qual destes materiais é o maior responsável pela contaminação dos aterros sanitários? (RU - estimulada)

17 Materiais que compõem o lixo e que contaminam os aterros sanitários... e é o maior responsável pela contaminação dos aterros sanitários 7 Materiais que contaminam aterros sanitários Material de embalagem 4 Lixo eletrônico 30 Matéria orgânica Entulho 7 Residuos quimicos e plasticos não reciclaveis e eletronico Metais pesados Produtos inflamaveis Produtos químicos Residuo industrial Não sabe 4 Fonte: Q. Na sua opinião, a maior parte do lixo das grandes cidades é composta por matéria orgânica (restos de comida), material de embalagem, entulho, lixo eletrônico ou por alguma outra coisa? (RU - estimulada) Q.2 E qual destes materiais é o maior responsável pela contaminação dos aterros sanitários? (RU - estimulada)

18 O que representa sustentabilidade 8 Não há um consenso sobre esta questão: Sobrevivência / Comportamento socialmente responsável / Consciência, educação ou mesmo estratégia de gestão. Base (3) Atitude de sobrevivência 29 Comportamento socialmente responsável 22 Questão de consciência Questão de educação 4 Questão estratégica para gestão das empresas Uma grande preocupação da sociedade 8 É apenas mais uma variante do marketing O assunto do momento Fonte: Q. Para você qual das frases abaixo melhor representa sua visão sobre sustentabilidade? (RU - ESTIMULADA)

19 Papel do governo com relação à sustentabilidade 9 Governo Implantar e operar a coleta seletiva de embalagens, criar mecanismos para minimizar o impacto da embalagem e leis que protejam o planeta Base (3) Implantar e operar a coleta seletiva de embalagens 36 Criar mecanismos para minimizar impacto da embalagem 29 Criar leis que protejam o planeta 24 Cuidar da destinação das embalagens Não sabe Fonte: Q.6 No que diz respeito à sustentabilidade da embalagem, na sua opinião, qual é o principal papel do governo? (RU - ESTIMULADA)

20 Papel das empresas com relação à sustentabilidade 20 Empresas incentivar e desenvolver ações de reciclagem, além de trabalhar para aumentar a sustentabilidade das suas embalagens Base (3) Fomentar, ou seja, incentivar e desenvolver ações de reciclagem 47 Trabalhar para aumentar a sustentabilidade das suas embalagens 33 Coletar as embalagens dos produtos vendidos Reduzir as embalagens 8 A empresa não tem responsabilidade sobre suas embalagens Fonte: Q.7 Na sua opinião, qual é o principal papel das empresas no que diz respeito à sustentabilidade da embalagem? (RU - ESTIMULADA)

21 Papel dos consumidores com relação à sustentabilidade 2 Consumidores destinar corretamente suas embalagens para reciclagem Base 3 Destinar corretamente suas embalagens para reciclagem 67 Comprar produtos com embalagens mais sustentáveis stentá eis 29 Comprar produtos com embalagens melhores 3 O cidadão não tem responsabilidade sobre a embalagem Fonte: Q.8 Na sua opinião, qual é o principal papel dos consumidores no que diz respeito à sustentabilidade da embalagem? (RU - ESTIMULADA)

22 Conhecimento sobre temas relacionados à sustentabilidade Pouco e bom é o nível de conhecimento nas empresas sobre temas relacionados à sustentabilidade. Biodegradação é o tópico de maior desconhecimento MÉDIA 22 Benefícios da reciclagem ,6 Impactos da reciclagem ,99 Benefícios da embalagem ,96 Impactos da embalagem ,9 Como ser mais sustentável no dia-a-dia ,94 Situação da reciclagem no Brasil ,70 Impactos da biodegradação ,9 Benefícios da biodegradação ,8 Domino o tema (3) Bom (2) Pouco () Nenhum (0) Fonte: Q.9 A seguir vou ler alguns temas sobre sustentabilidade e gostaria que você dissesse qual seu nível de conhecimento para cada tema que eu ler. Assim, para cada frase você deverá responder se você não tem nenhum conhecimento sobre o tema, se tem pouco conhecimento sobre o tema, se o seu conhecimento sobre o tema é bom ou se você domina o tema. Então qual seu nível de conhecimento para... (RU POR LINHA)

23 Conhecimento sobre sustentabilidade da embalagem O grau de conhecimento sobre sustentabilidade da embalagem é considerado entre suficiente e intermediário. 23 Insuficiente Intermediário 4 Suficiente 43 Domino o tema 2 Fonte: Q.20 Como você avalia o seu grau de conhecimento sobre sustentabilidade da embalagem? (RU - ESTIMULADA):

24 Expectativas sobre biodegradação A maioria diz que as empresas deveriam projetar mais produtos biodegradáveis. 9% assume que não conhece nada sobre biodegradação. d 24 Base 3 As empresas deveriam projetar mais produtos biodegradáveis 9 A biodegradação gera impactos ambientais e desperdiça recursos naturais 6 A biodegradação é a solução para o problema do lixo 2 A biodegradação é parte da solução do problema do lixo A Biodegradação é uma solução paliativa Emissão de carbono Uma questão estudada dentro do ciclo de vida do produto Deveria existir quando não dá para reciclar As empresas devem em avaliar aliar mais e comparar com base no ciclo de vida dos produtos Um auxilio à sustentabilidade Não conheço esse assunto 9 Fonte: Q.2 Quais dessas frases melhor representa biodegradação para você? (LER ALTERNATIVAS COMO EXEMPLO E PERGUNTAR OU ALGUMA OUTRA RU)

25 Expectativas sobre reciclagem Para 37% das empresas, reciclagem representa a redução do impacto da embalagem no meio ambiente. 2 Base 3 A reciclagem reduz o impacto da embalagem no meio ambiente 37 Toda embalagem deveria ser reciclada 7 A reciclagem deveria ser mais difundida A reciclagem é a melhor solução para a gestão dos resíduos 4 A reciclagem gera emprego e renda 9 A reciclagem tem custo elevado 3 A reciclagem gera impactos ambientais 2 Preservação do meio ambiente Questão estudada d dentro do ciclo de vida do produto Não conheço esse assunto Fonte: Q.22 Quais dessas frases melhor representa reciclagem para você? (LER ALTERNATIVAS COMO EXEMPLO E PERGUNTAR OU ALGUMA OUTRA RU)

26 O que é preciso para aumentar o índice de reciclagem As principais p medidas que devem ser tomadas para aumentar o índice de reciclagem, segundo as empresas, são: mais campanhas de conscientização, educação nas escolas e mais coleta seletiva. 26 Base 3 Ter mais campanhas de conscientização 28 Ter educação nas escolas 22 Ter mais coleta seletiva 22 Novas tecnologias para reciclagem 2 Ter mais postos de entrega de embalagens 7 Ter mais usinas de reciclagem 6 Incentivos do governo na área fiscal Mais leis aplicáveis Baixar o custo do material reciclado Aumentar o valor pago pelo material reciclado Fonte: Q.23 Na sua opinião, o que deveria acontecer para que os índices de reciclagem fossem maiores? (LER ALTERNATIVAS RU)

27 Expectativas sobre compostagem 2% declara não conhecer o assunto. Quem conhece cita mais o fato de ser melhor que aterro para resíduos orgânicos; e ser a solução para resíduos orgânicos e deveria ser implementada imediatamente. 27 Base 3 A compostagem é muito melhor do que aterro para resíduos orgânicos 3 A compostagem é a solução para os resíduos orgânicos e deveria ser implementada imediatamente 27 A compostagem produz adubo orgânico para agricultura 2 A compostagem não se aplica às grandes cidades 2 A compostagem evita geração de gases nocivos Solução possível para os resíduos orgânicos e deve ser estudado o local Transforma matéria prima em adubo quimico É a solução para os resíduos organicos mas tem grandes problemas para se desenvolver em grande escala Traz benefícios, mas gera gases e impacto ambiental Não conheço esse assunto 2 Fonte: Q.24 Quais dessas frases melhor representa compostagem para você? (LER ALTERNATIVAS COMO EXEMPLO E PERGUNTAR OU ALGUMA OUTRA RU)

28 Expectativas sobre reciclagem energética /3 da amostra diz não conhecer reciclagem energética. 43% diz que esta gera energia elétrica a partir do lixo. 28 Base 3 A reciclagem energética gera energia elétrica a partir do lixo 43 A reciclagem energética é benéfica para o meio ambiente 6 A reciclagem energética contribui para o agravamento do efeito estufa A reciclagem energética gera poluição da atmosfera 3 É vantajosa em termos de energia ambiental Uma alternativa, uma opção a mandar para aterro Não conheço esse assunto 33 Fonte: Q.2 Quais dessas frases melhor representa reciclagem energética para você? (LER ALTERNATIVAS COMO EXEMPLO E PERGUNTAR OU ALGUMA OUTRA RU)

29 Avaliação da comunicação do setor de embalagens sobre sustentabilidade t d 29 Comunica bem 22 Não comunica bem Não sei 3 7 Base 3 De forma muito tímida 42 Sem critérios claros 20 Com pouco destaque 8 De forma correta 2 De forma incorreta 7 De forma clara De forma não confiável Com exagero - Fonte: Q.26 Você acha que o setor de embalagem comunica bem a sustentabilidade de seus produtos? (RU - espontânea) Q.27 Na sua opinião a sustentabilidade está sendo informada nas embalagens: (LER ALTERNATIVAS - RU)

30 Cursos sobre sustentabilidade Conhecem Não conhecem 3 Fonte: Q28. Você conhece algum curso sobre Sustentabilidade? Se sim, qual? (RU ESPONTÂNEA) 69 Base: conhecem algum curso de sustentabilidade 47 Fundação Getúlio Vargas 9 Sustentabilidade t d da Embalagem 9 Instituto Unietus/ETHOS 6 MBA Sustentabilidade 4 SENAC 4 Empreendedorismo para sustentabilidade 4 USP 4 Gestão ambiental 4 Dom Cabral 2 Certificadoras BSI 2 CECAP 2 SBC 2 CNTE 2 Gerenciamento Ambiental USP 2 Banco Real 2 Avaliação do ciclo de vida 2 Minimização de impactos no meio ambiente 2 Ital 2 ESPM 2 Politécnica 2 Metodista 2 UFRJ 2 São Judas 2 Universidade São Francisco 2 Meio ambiente industrial 2 Cursos pontuais através de mala direta 2 UNIVEM 2 Curso mestrado na Eco desenvolvimento 2 Palestrante Fabio Mestriner 2 SESI 2 Não sabe/não lembra 2 30

31 Faltam a cursos sobre sustentabilidade da embalagem age 3 Sim 8 Não 9 Fonte: Q.29 Você acha que faltam cursos sobre a sustentabilidade na embalagem? (RU - ESPONTÂNEA)

32 Gostariam de estudar mais sobre o tema sustentabilidade da embalagem 32 Sim 87 Não 3 Fonte: Q.30 Você gostaria de estudar mais sobre o tema Sustentabilidade da embalagem? (RU - ESPONTÂNEA)

33 Pontos de reflexão 33 Para as empresas, o papel do governo no que diz respeito a sustentabilidade da embalagem é principalmente implantar e operar a coleta seletiva de embalagens, criar mecanismos de suporte para minimizar o impacto da embalagem e criar leis que protejam o planeta. Já o papel das empresas é incentivar e desenvolver ações de reciclagem, além de trabalhar para aumentar a sustentabilidade das suas embalagens. Eopapel dos consumidores na visão das empresas é destinar E o papel dos consumidores, na visão das empresas, é destinar corretamente suas embalagens para reciclagem.

34 Pontos de reflexão 34 Com relação às informações disponíveis sobre sustentabilidade da embalagem, 3% das empresas acreditam que são fáceis de serem encontradas, mas 22% que são insuficientes e 20% que são tecnicamente fracas. as E quase 40% consideram que as campanhas feitas contra as embalagens são um alerta para o setor. 69% das empresas não conhece nenhum curso sobre sustentabilidade, e a maioria acredita que faltam cursos sobre a sustentabilidade da embalagem e gostariam de estudar mais sobre o tema.

Pesquisa IBOPE Ambiental. Setembro de 2011

Pesquisa IBOPE Ambiental. Setembro de 2011 Pesquisa IBOPE Ambiental Setembro de 2011 Com quem falamos? Metodologia & Amostra Pesquisa quantitativa, com aplicação de questionário estruturado através de entrevistas telefônicas. Objetivo geral Identificar

Leia mais

Visão Sustentável sobre o Desenvolvimento de Embalagens

Visão Sustentável sobre o Desenvolvimento de Embalagens Fórum Varejo Sustentável Alternativas de Embalagens no Varejo Visão Sustentável sobre o Desenvolvimento de Embalagens Eloísa E. C. Garcia CETEA / ITAL VISÃO DE SUSTENTABILIDADE Consumo Sustentável é saber

Leia mais

Reciclagem Energética. Alternativa para destinação de Resíduos Sólidos Urbanos

Reciclagem Energética. Alternativa para destinação de Resíduos Sólidos Urbanos Reciclagem Energética Alternativa para destinação de Resíduos Sólidos Urbanos Claudio Marcondes Engenheiro de Materiais com especialização em Polímeros pela Universidade Federal de São Carlos. Pós graduado

Leia mais

"PANORAMA DA COLETA SELETIVA DE LIXO NO BRASIL"

PANORAMA DA COLETA SELETIVA DE LIXO NO BRASIL Reciclagem e Valorizaçã ção o de Resíduos Sólidos S - Meio Ambiente UNIVERSIDADE DE SÃO S O PAULO "PANORAMA DA COLETA SELETIVA DE LIXO NO BRASIL" Associação sem fins lucrativos, o CEMPRE se dedica à promoção

Leia mais

Projeto de Incentivo à Reciclagem

Projeto de Incentivo à Reciclagem Projeto de Incentivo à Reciclagem Boas Práticas em Meio Ambiente Apresentação: O objetivo do seguinte projeto tem a finalidade de auxiliar a implementação da Coleta Seletiva e posteriormente envio para

Leia mais

INTRODUÇÃO À ENGENHARIA DE CONTROLE E AUTOMAÇÃO

INTRODUÇÃO À ENGENHARIA DE CONTROLE E AUTOMAÇÃO INTRODUÇÃO À ENGENHARIA DE CONTROLE E AUTOMAÇÃO Aula 8 a A Engenharia e o Meio Ambiente Parte I Edgar Aberto de Brito PRIMEIRA PARTE As questões ambientais e os problemas para a engenharia. ENGENHARIA

Leia mais

Geração de Energia a partir do lixo urbano. Uma iniciativa iluminada da Plastivida.

Geração de Energia a partir do lixo urbano. Uma iniciativa iluminada da Plastivida. Geração de Energia a partir do lixo urbano. Uma iniciativa iluminada da Plastivida. Plástico é Energia Esta cidade que você está vendo aí de cima tem uma população aproximada de 70.000 mil habitantes e

Leia mais

MÓDULO I: Universalização da coleta seletiva

MÓDULO I: Universalização da coleta seletiva PROJETO LIXO LIMPO: MÓDULO I MÓDULO I: Universalização da coleta seletiva VANTAGENS PARA TODA A COMUNIDADE O primeiro módulo visa a Universalização da Coleta Seletiva, promove a consciência ambiental e

Leia mais

ATENÇÃO. Apresentação

ATENÇÃO. Apresentação Apresentação O tema logística reversa vem crescendo em importância entre as empresas desde a regulamentação da Política Nacional de Resíduos Sólidos. Com as novas exigências, as empresas precisam buscar

Leia mais

ANEXO 2 Estrutura Modalidade 1 ELIS PMEs PRÊMIO ECO - 2015

ANEXO 2 Estrutura Modalidade 1 ELIS PMEs PRÊMIO ECO - 2015 ANEXO 2 Estrutura Modalidade 1 ELIS PMEs PRÊMIO ECO - 2015 Critérios Descrições Pesos 1. Perfil da Organização Breve apresentação da empresa, seus principais produtos e atividades, sua estrutura operacional

Leia mais

01/12/2012 MEIO AMBIENTE E RESPONSABILIDADE SOCIAL. Guarantã do Norte/MT A SOCIEDADE ESTÁ EM TRANSFORMAÇÃO

01/12/2012 MEIO AMBIENTE E RESPONSABILIDADE SOCIAL. Guarantã do Norte/MT A SOCIEDADE ESTÁ EM TRANSFORMAÇÃO MEIO AMBIENTE E RESPONSABILIDADE SOCIAL Guarantã do Norte/MT A SOCIEDADE ESTÁ EM TRANSFORMAÇÃO TAREFAS ESTRUTURA PESSOAS AMBIENTE TECNOLOGIA ÊNFASE NAS TAREFAS Novos mercados e novos conhecimentos ÊNFASE

Leia mais

"PANORAMA DA COLETA SELETIVA E RECICLAGEM NO BRASIL"

PANORAMA DA COLETA SELETIVA E RECICLAGEM NO BRASIL "PANORAMA DA COLETA SELETIVA E RECICLAGEM NO BRASIL" Associação sem fins lucrativos, fundado em 1992, o CEMPRE se dedica à promoção da reciclagem dentro do conceito de gerenciamento integrado do lixo.

Leia mais

Questionário Linha de Base: Educadores Estado: Cidade: Nome Pesquisador: Sala N : Professor N : [Estes dados devem ser preenchidos pelo pesquisador] Boas vindas Caro(a) Educador(a): O objetivo deste questionário

Leia mais

Desde a criação do programa, a New Age implementou e tem monitorado diversas ações com foco ambiental, social e econômico.

Desde a criação do programa, a New Age implementou e tem monitorado diversas ações com foco ambiental, social e econômico. Faz parte da vontade da diretoria da New Age contribuir socialmente para um mundo melhor, mais justo e sustentável. Acreditamos que através da educação e com a experiência que temos, transportando tantos

Leia mais

18/06/2009. Quando cuidar do meio-ambiente é um bom negócio. Blog: www.tudibao.com.br E-mail: silvia@tudibao.com.br.

18/06/2009. Quando cuidar do meio-ambiente é um bom negócio. Blog: www.tudibao.com.br E-mail: silvia@tudibao.com.br. Marketing Ambiental Quando cuidar do meio-ambiente é um bom negócio. O que temos visto e ouvido falar das empresas ou associado a elas? Blog: www.tudibao.com.br E-mail: silvia@tudibao.com.br 2 3 Sílvia

Leia mais

ACONTECENDO? O QUE ESTÁ O QUE PODEMOS FAZER?

ACONTECENDO? O QUE ESTÁ O QUE PODEMOS FAZER? O QUE ESTÁ ACONTECENDO? O futuro é uma incógnita. As tendências são preocupantes, mas uma coisa é certa: cada um tem de fazer sua parte. Todos somos responsáveis. A atual forma de relacionamento da humanidade

Leia mais

Projeto Piloto Gerenciamento de Resíduos Sólidos ( Sairé)

Projeto Piloto Gerenciamento de Resíduos Sólidos ( Sairé) Projeto Piloto Gerenciamento de Resíduos Sólidos ( Sairé) Objetivo do Projeto: Promover o correto gerenciamento integrado dos resíduos sólidos urbanos nas Cidades de pequeno e médio porte. ( população

Leia mais

Mensagens ambientais da HP

Mensagens ambientais da HP Mensagens ambientais da HP Definição da promessa Projeto para o meio ambiente Por ser líder ambiental há décadas no setor tecnológico, a HP faz a diferença com um projeto abrangente de estratégia ambiental,

Leia mais

Viver Confortável, Morar Sustentável

Viver Confortável, Morar Sustentável Viver Confortável, Morar Sustentável A Verde Lar foi criada em Março de 2009, dando início a uma jornada com o compromisso e ética das questões ambientais no mercado habitacional oferecendo soluções para

Leia mais

CURSO EMBALAGENS DE PAPELCARTÃO, PAPEL E MICRO-ONDULADO. São Paulo/2013 Fernando Sandri

CURSO EMBALAGENS DE PAPELCARTÃO, PAPEL E MICRO-ONDULADO. São Paulo/2013 Fernando Sandri CURSO EMBALAGENS DE PAPELCARTÃO, PAPEL E MICRO-ONDULADO São Paulo/2013 Fernando Sandri Fernando Sandri Graduado em Engenharia Química pela EM- Universidade Estadual de Maringá. Pós graduado em MBA Marketing

Leia mais

Qualidade e Sustentabilidade na Construção Civil

Qualidade e Sustentabilidade na Construção Civil Qualidade e Sustentabilidade na Construção Civil Série ISO 9000: Modelo de certificação de sistemas de gestão da qualidade mais difundido ao redor do mundo: Baseada na norma ISO 9000 No Brasil: a ABNT

Leia mais

EDUCAÇÃO AMBIENTAL E GESTÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS EM UM AMBIENTE UNIVERSITÁRIO: ESTUDO DE CASO DO CESUMAR, MARINGÁ - PR

EDUCAÇÃO AMBIENTAL E GESTÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS EM UM AMBIENTE UNIVERSITÁRIO: ESTUDO DE CASO DO CESUMAR, MARINGÁ - PR EDUCAÇÃO AMBIENTAL E GESTÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS EM UM AMBIENTE UNIVERSITÁRIO: ESTUDO DE CASO DO CESUMAR, MARINGÁ - PR angélica da silva de oliveira 1 ;Adriana dos Santos Maulais 1 ; Rosilene Luciana Delariva

Leia mais

A Indústria de Papel Gordinho Braune Ltda, fundada em 1915, passou a pertencer ao Grupo Bignardi em 1972.

A Indústria de Papel Gordinho Braune Ltda, fundada em 1915, passou a pertencer ao Grupo Bignardi em 1972. A Indústria de Papel Gordinho Braune Ltda, fundada em 1915, passou a pertencer ao Grupo Bignardi em 1972. Como indústria de papel não-integrada, a Gordinho Braune desenvolve papéis reciclados desde a década

Leia mais

A Área de Marketing no Brasil

A Área de Marketing no Brasil A Área de Marketing no Brasil Relatório consolidado das etapas qualitativa e quantitativa Job 701/08 Fevereiro/ 2009 Background e Objetivos A ABMN Associação Brasileira de Marketing & Negócios deseja

Leia mais

REUTILIZAÇÃO 100% Engenheiro Químico Celso Luís Quaglia Giampá

REUTILIZAÇÃO 100% Engenheiro Químico Celso Luís Quaglia Giampá REUTILIZAÇÃO 100% Engenheiro Químico Celso Luís Quaglia Giampá PROJETO FÊNIX IMPLANTANDO SOLUÇÃO GERENCIAMENTO DOS RSU EDUCAÇÃO AMBIENTAL CONTINUADA NA POPULAÇÃO COLETA SELETIVA PARA RESÍDUOS SECOS E ÚMIDOS

Leia mais

Sustentabilidade no Grupo Boticário. Atuação com a Rede de Franquias

Sustentabilidade no Grupo Boticário. Atuação com a Rede de Franquias Sustentabilidade no Grupo Boticário Atuação com a Rede de Franquias Mais de 6.000 colaboradores. Sede (Fábrica e Escritórios) em São José dos Pinhais (PR) Escritórios em Curitiba (PR) e São Paulo (SP).

Leia mais

Reciclagem e Valorização de Resíduos Sólidos - Meio Ambiente e Sustentabilidade

Reciclagem e Valorização de Resíduos Sólidos - Meio Ambiente e Sustentabilidade SEMINÁRIO Reciclagem e Valorização de Resíduos Sólidos - Meio Ambiente e Sustentabilidade Universidade de São Paulo Escola Politécnica Departamento de Engenharia Metalúrgica e de Materiais 27 de maio de

Leia mais

OPORTUNIDADE DE TRABALHO - TOSHIBA EM SUAPE

OPORTUNIDADE DE TRABALHO - TOSHIBA EM SUAPE OPORTUNIDADE DE TRABALHO - TOSHIBA EM SUAPE Se você, ou alguém que conheça, deseja trabalhar na Toshiba está na hora. Empresa Multinacional no ramo de Transmissão e Distribuição de Energia está selecionando

Leia mais

Secretaria Municipal de meio Ambiente

Secretaria Municipal de meio Ambiente PROGRAMA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL PROGRAMA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL O presente Programa é um instrumento que visa à minimização de resíduos sólidos, tendo como escopo para tanto a educação ambiental voltada

Leia mais

DISPLAYS EMBALAGENS ARAMADOS E INJETADOS PARA SUAS CAMPANHAS DE PDV MERCADO ATUAL. são PESADAS e pouco práticas. Espaço RESTRITO para COMUNICAÇÃO

DISPLAYS EMBALAGENS ARAMADOS E INJETADOS PARA SUAS CAMPANHAS DE PDV MERCADO ATUAL. são PESADAS e pouco práticas. Espaço RESTRITO para COMUNICAÇÃO MERCADO ATUAL O mercado consome DISPLAYS ARAMADOS E INJETADOS PARA SUAS CAMPANHAS DE PDV Espaço RESTRITO para COMUNICAÇÃO EMBALAGENS são PESADAS e pouco práticas MERCADO ATUAL Exige mais TEMPO DE PLANEJAMENTO

Leia mais

Página 1 de 8-01/04/2014-5:59

Página 1 de 8-01/04/2014-5:59 PROFESSOR: EQUIPE DE PORTUGUÊS BANCO DE QUESTÕES - LÍNGUA PORTUGUESA - 4 ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ========================================================================== Texto 1 LIXO NO LIXO Dá para

Leia mais

EFICIÊNCIA DA GESTÃO DA INOVAÇÃO

EFICIÊNCIA DA GESTÃO DA INOVAÇÃO 1 DESMISTIFICANDO A INOVAÇÃO Transformar a inovação em competência gerenciável é o paradigma contemporâneo para empresas, governo e organizações sociais. Nesse contexto, o Congresso Internacional de Inovação

Leia mais

APRESENTAÇÃO. Sistema de Gestão Ambiental - SGA & Certificação ISO 14.000 SGA & ISO 14.000 UMA VISÃO GERAL

APRESENTAÇÃO. Sistema de Gestão Ambiental - SGA & Certificação ISO 14.000 SGA & ISO 14.000 UMA VISÃO GERAL APRESENTAÇÃO Sistema de Gestão Ambiental - SGA & Certificação ISO 14.000 UMA VISÃO GERAL Introdução SISTEMA DE GESTÃO AMBIENTAL - SGA Definição: Conjunto de ações sistematizadas que visam o atendimento

Leia mais

P R E F E I T U R A M U N I C I P A L D E B A U R U E s t a d o d e S ã o P a u l o S E C R E T A R I A D A E D U C A Ç Ã O

P R E F E I T U R A M U N I C I P A L D E B A U R U E s t a d o d e S ã o P a u l o S E C R E T A R I A D A E D U C A Ç Ã O P R E F E I T U R A M U N I C I P A L D E B A U R U E s t a d o d e S ã o P a u l o S E C R E T A R I A D A E D U C A Ç Ã O E. M. E. F. P R O F ª. D I R C E B O E M E R G U E D E S D E A Z E V E D O P

Leia mais

PROGRAMA DE GESTÃO AMBIENTAL DA PGR PROJETO PARA AQUISIÇÃO DE COLETORES PARA COLETA SELETIVA

PROGRAMA DE GESTÃO AMBIENTAL DA PGR PROJETO PARA AQUISIÇÃO DE COLETORES PARA COLETA SELETIVA Programa de Gestão Ambiental da PGR PROGRAMA DE GESTÃO AMBIENTAL DA PGR PROJETO PARA AQUISIÇÃO DE COLETORES PARA COLETA SELETIVA Brasília, abril de 2007 Considerações Gerais Finalmente a questão ambiental

Leia mais

Alguns materiais didáticos que os gestores preferem: Lápis com cartolina Cartão papel Material descartável Cordão Revistas Jornais Jogos interativo Material artesanal Quebra-cabeça Tangram Fabricação de

Leia mais

PLANO DE GESTÃO INTEGRADA DOS RESÍDUOS SÓLIDOS DA CIDADE DE SÃO PAULO

PLANO DE GESTÃO INTEGRADA DOS RESÍDUOS SÓLIDOS DA CIDADE DE SÃO PAULO PLANO DE GESTÃO INTEGRADA DOS RESÍDUOS SÓLIDOS DA CIDADE DE SÃO PAULO (leis 12.305/2010, 11.445/2007 e 12.187/2009) Implementando a Política Nacional de Resíduos Sólidos na Cidade de São Paulo PROCESSO

Leia mais

Jardim Escola Aladdin

Jardim Escola Aladdin Jardim Escola Aladdin Os 4 Rs da Sustentabilidade Rio de janeiro 2016 Objetivo geral Esse projeto tem como objetivo promover o envolvimento dos alunos, professores, pais e comunidade em defesa à sustentabilidade

Leia mais

Posição da indústria química brasileira em relação ao tema de mudança climática

Posição da indústria química brasileira em relação ao tema de mudança climática Posição da indústria química brasileira em relação ao tema de mudança climática A Abiquim e suas ações de mitigação das mudanças climáticas As empresas químicas associadas à Abiquim, que representam cerca

Leia mais

Começa por você! Resultados das ações da Campanha De quem é a responsabilidade?

Começa por você! Resultados das ações da Campanha De quem é a responsabilidade? Resultados das ações da Campanha De quem é a responsabilidade? CAMPANHA DE QUEM É A RESPONSABILIDADE? Início da Campanha outubro de 2009 Objetivo: Implementar a A3P e incentivar os servidores para adoção

Leia mais

MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE MMA

MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE MMA MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE MMA Política Nacional de Resíduos Sólidos Instituída pela Lei 12.305/2010 e regulamentada pelo Decreto 7.404/2010, após 21 anos de tramitação no Congresso nacional Tem interação

Leia mais

DO PROGRAMA. Tem como objetivo gerenciar a coleta seletiva e valorizar a atividade do Catador (a) como agente de transformação ambiental.

DO PROGRAMA. Tem como objetivo gerenciar a coleta seletiva e valorizar a atividade do Catador (a) como agente de transformação ambiental. PROGRAMA DO PROGRAMA O Programa ECO RECICLA é uma iniciativa da OSCIP Ecolmeia em parceria com Cooperativas de Reciclagem, seus cooperados e Setores da Sociedade. Tem como objetivo gerenciar a coleta seletiva

Leia mais

PROJETO CIDADANIA E SUSTENTABILIDADE

PROJETO CIDADANIA E SUSTENTABILIDADE PROJETO CIDADANIA E SUSTENTABILIDADE CONSELHEIRO LAFAIETE MG 2012 PROJETO CIDADANIA E SUSTENTABILIDADE JUSTIFICATIVA O Centro de Ensino Superior de Conselheiro Lafaiete tem como princípio desempenhar seu

Leia mais

Manual do Sistema de Gestão Ambiental - Instant Solutions. Manual do Sistema de Gestão Ambiental da empresa

Manual do Sistema de Gestão Ambiental - Instant Solutions. Manual do Sistema de Gestão Ambiental da empresa Manual do Sistema de Gestão Ambiental da empresa Data da Criação: 09/11/2012 Dara de revisão: 18/12/2012 1 - Sumário - 1. A Instant Solutions... 3 1.1. Perfil da empresa... 3 1.2. Responsabilidade ambiental...

Leia mais

Indicadores Gestão da Ética

Indicadores Gestão da Ética Indicadores Gestão da Ética Identificação Segmento: Diversos Resultados Sua Pontuação: 0 Sua Avaliação: INICIANTE Descrição: A empresa utiliza muito pouco ou praticamente nenhuma ferramenta de gestão de

Leia mais

III-006 PROPOSTA DE GESTÃO INTEGRADA E COMPARTILHADA DOS RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS, PARA DOIS MUNICÍPIOS DE SERGIPE

III-006 PROPOSTA DE GESTÃO INTEGRADA E COMPARTILHADA DOS RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS, PARA DOIS MUNICÍPIOS DE SERGIPE III-006 PROPOSTA DE GESTÃO INTEGRADA E COMPARTILHADA DOS RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS, PARA DOIS MUNICÍPIOS DE SERGIPE José Daltro Filho (1) Engenheiro Civil (UFBA,1975); Doutor em Engenharia (Hidráulica/Saneamento-EESC-USP,

Leia mais

EXPOSIÇÃO DE MOTIVOS

EXPOSIÇÃO DE MOTIVOS EXPOSIÇÃO DE MOTIVOS O mundo inteiro discute, nos dias de hoje, a adoção de medidas globais e locais com o objetivo de diminuir ou, quem sabe, reverter o avanço dos efeitos do aquecimento global. Ações

Leia mais

ENSINO DE QUÍMICA: VIVÊNCIA DOCENTE E ESTUDO DA RECICLAGEM COMO TEMA TRANSVERSAL

ENSINO DE QUÍMICA: VIVÊNCIA DOCENTE E ESTUDO DA RECICLAGEM COMO TEMA TRANSVERSAL ENSINO DE QUÍMICA: VIVÊNCIA DOCENTE E ESTUDO DA RECICLAGEM COMO TEMA TRANSVERSAL MENDONÇA, Ana Maria Gonçalves Duarte. Universidade Federal de Campina Grande. E-mail: Ana.duartemendonca@gmail.com RESUMO

Leia mais

Magazine Meio Ambiente

Magazine Meio Ambiente Página 1 de 5 Magazine Meio Ambiente MEIO AMBIENTE Dez atitudes domésticas ecologicamente corretas Publicado a 28 Janeiro 2011 por Danielrox01 Substituir sacolas de plástico A sacola de plástico é a atual

Leia mais

PLANO DE GESTÃO INTEGRADA DE RESÍDUOS SÓLIDOS DA CIDADE DE SÃO PAULO

PLANO DE GESTÃO INTEGRADA DE RESÍDUOS SÓLIDOS DA CIDADE DE SÃO PAULO PLANO DE GESTÃO INTEGRADA DE RESÍDUOS SÓLIDOS DA CIDADE DE SÃO PAULO Balanço dos cinco anos da Política Municipal de Mudança do Clima de São Paulo Rede Nossa São Paulo 20/05/2014 Plano de Metas da PMSP

Leia mais

Trasix Soluções Ambientais

Trasix Soluções Ambientais A Empresa A Empresa A Trasix Soluções Ambientais surge da união de grandes expertises das empresas Trimap Business Management, especializada em representação de marcas estrangeiras para a comercialização

Leia mais

VAGAS. Ger Supply Chain. Coord Adm Vendas / Gerente Jr

VAGAS. Ger Supply Chain. Coord Adm Vendas / Gerente Jr VAGAS Ger Supply Chain Coord Adm Vendas / Gerente Jr Superior Completo e MBA em Logística Experiência na posição de 5 anos mínimo Reporte: Diretor Industrial Inglês Fluente e desejável espanhol Reportando-se

Leia mais

SUSTENTABILIDADE 2014

SUSTENTABILIDADE 2014 SUSTENTABILIDADE 2014 Rutivo de no CONSTRUIR, PLANTAR E TRANSFORMAR Nosso objetivo vai além de ser responsável pelo processo construtivo de nossas obras, procuramos estimular e disseminar o conceito de

Leia mais

Resultados da Pesquisa Inovações Ambientais

Resultados da Pesquisa Inovações Ambientais Núcleo Bradesco de Inovação Resultados da Pesquisa Inovações Ambientais Encontro CRI- MG 4 de Outubro de 2012 Apoio: Objetivo da Pesquisa Compreender como ocorrem as inovações ambientais nas empresas brasileiras;

Leia mais

Soluções em Gestão Ambiental

Soluções em Gestão Ambiental Soluções em Gestão Ambiental QUEM SOMOS A Silcon Ambiental Empresa de engenharia ambiental, especializada em serviços e soluções para o gerenciamento, tratamento e destinação final de resíduos e na produção

Leia mais

FACEMA SUSTENTÁVEL: Incorporação de educação ambiental na IES: Pedro Augusto da Silva Soares

FACEMA SUSTENTÁVEL: Incorporação de educação ambiental na IES: Pedro Augusto da Silva Soares FACEMA SUSTENTÁVEL: Incorporação de educação ambiental na IES: Pedro Augusto da Silva Soares Faculdade de ciências e tecnologia do maranhão-facema Caxias/MA pedroftb@hotmail.com.br/coor.educacaoambiental@facema.edu.br

Leia mais

PROGRAMA EDUCAÇÃO AMBIENTAL DA SAMARCO. Programa de Educação Ambiental Interno

PROGRAMA EDUCAÇÃO AMBIENTAL DA SAMARCO. Programa de Educação Ambiental Interno PROGRAMA EDUCAÇÃO AMBIENTAL DA SAMARCO Programa de Educação Ambiental Interno Condicionante 57 LO 417/2010 SUMÁRIO 1. APRESENTAÇÃO 04 2. IDENTIFICAÇÃO DA EMPRESA 05 3. REGULAMENTO APLICÁVEL 06 3.1. FEDERAL

Leia mais

ENGENHARIA MEIO AMBIENTE A L I M E N T O S E B E B I D A S

ENGENHARIA MEIO AMBIENTE A L I M E N T O S E B E B I D A S ENGENHARIA MEIO AMBIENTE A L I M E N T O S E B E B I D A S M a i s d e 2 0 a n o s o f e r e c e n d o s o l u ç õ e s c o m p l e t a s d e c o n s u l t o r i a e m E n g e n h a r i a e M e i o A m

Leia mais

Mais clima para todos

Mais clima para todos Mais clima para todos 1 Mais clima para todos Na União Europeia, entre 1990 e 2011, o setor dos resíduos representou 2,9% das emissões de gases com efeito de estufa (GEE), e foi o 4º setor que mais contribuiu

Leia mais

Maurício Groke Presidente Luciana Pellegrino Diretora Executiva

Maurício Groke Presidente Luciana Pellegrino Diretora Executiva Maurício Groke Presidente Luciana Pellegrino Diretora Executiva Breve introdução Fundada há 46 anos, a ABRE - Associação Brasileira de Embalagem, reúne e representa a indústria de embalagens no Brasil.

Leia mais

"PANORAMA DA COLETA SELETIVA E RECICLAGEM NO BRASIL"

PANORAMA DA COLETA SELETIVA E RECICLAGEM NO BRASIL "PANORAMA DA COLETA SELETIVA E RECICLAGEM NO BRASIL" Quem somos: Associação sem fins lucrativos, fundado em 1992, o CEMPRE se dedica à promoção da reciclagem dentro do conceito de gerenciamento integrado

Leia mais

TÍTULO: A ALFACE E O LIXO CATEGORIA: EM ANDAMENTO ÁREA: ENGENHARIAS E ARQUITETURA SUBÁREA: ARQUITETURA E URBANISMO

TÍTULO: A ALFACE E O LIXO CATEGORIA: EM ANDAMENTO ÁREA: ENGENHARIAS E ARQUITETURA SUBÁREA: ARQUITETURA E URBANISMO TÍTULO: A ALFACE E O LIXO CATEGORIA: EM ANDAMENTO ÁREA: ENGENHARIAS E ARQUITETURA SUBÁREA: INSTITUIÇÃO: FACULDADE PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS AUTOR(ES): CÁSSIA QUÉREN HAPUQUE AZEVEDO DE ALMEIDA, CARLOS CESAR

Leia mais

Seminário Ambientronic

Seminário Ambientronic Seminário Ambientronic 27/04/2011 11.06.2010 Perfil da Empresa PERFIL Empresa de Tecnologia 100% nacional, controlada pelo Grupo Itaúsa Mais de 30 anos de presença no mercado brasileiro Possui 5.891 funcionários

Leia mais

Aula 19 Conteúdo O homem e o meio ambiente. Principais problemas ambientais do mundo.

Aula 19 Conteúdo O homem e o meio ambiente. Principais problemas ambientais do mundo. CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA Unidade IV Natureza sociedade: questões ambientais. Aula 19 Conteúdo O homem e o meio ambiente. Principais problemas ambientais do mundo. 2 CONTEÚDO

Leia mais

MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE MMA

MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE MMA MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE MMA Política Nacional de Resíduos Sólidos Instituída pela Lei 12.305/2010 e regulamentada pelo Decreto 7.404/2010, após 21 anos de tramitação no Congresso nacional Tem interação

Leia mais

Plásticos Biodegradáveis e Compostáveis. Foto: Augusto Bartolomei

Plásticos Biodegradáveis e Compostáveis. Foto: Augusto Bartolomei Plásticos Biodegradáveis e Compostáveis 1 Foto: Augusto Bartolomei Conteúdo O que são plásticos biodegradáveis e compostáveis Certificação Aplicações Descarte aterro, reciclagem, compostagem Alinhamento

Leia mais

Alternativas de financiamento RESÍDUOS SÓLIDOS

Alternativas de financiamento RESÍDUOS SÓLIDOS Alternativas de financiamento RESÍDUOS SÓLIDOS SOCIEDADE / MÍDIA 100,0 90,0 80,0 70,0 60,0 50,0 40,0 Urbana Rural 30,0 20,0 10,0 0,0 Brasil Até 5.000 De 5.001 a 10.000 De 10.001 a 20.000 De 20.001 a 50.000

Leia mais

Política Ambiental janeiro 2010

Política Ambiental janeiro 2010 janeiro 2010 5 Objetivo Orientar o tratamento das questões ambientais nas empresas Eletrobras em consonância com os princípios da sustentabilidade. A Política Ambiental deve: estar em conformidade com

Leia mais

Alta performance: a base para os nossos clientes, a base para o seu futuro.

Alta performance: a base para os nossos clientes, a base para o seu futuro. Alta performance: a base para os nossos clientes, a base para o seu futuro. www.accenture.com.br/carreiras www.facebook.com/accenturecarreiras www.twitter.com/accenture_vagas Quem somos A Accenture é uma

Leia mais

PRÊMIO ESTANDE SUSTENTÁVEL ABF EXPO 2014

PRÊMIO ESTANDE SUSTENTÁVEL ABF EXPO 2014 PRÊMIO ESTANDE SUSTENTÁVEL ABF EXPO 2014 1. APRESENTAÇÃO Com o intuito de disseminar práticas de responsabilidade socioambiental entre as empresas do sistema de franchising, a Associação Brasileira de

Leia mais

Governança Corporativa, Responsabilidade Ambiental e Social. Prof. Wellington

Governança Corporativa, Responsabilidade Ambiental e Social. Prof. Wellington Governança Corporativa, Responsabilidade Ambiental e Social Prof. Wellington APRESENTAÇÃO AULA 1 Wellington Prof de pós-graduação na USJT desde 2003 Sócio diretor da WP projetos e produções Coordenador

Leia mais

REVISÃO 2º BIMESTRE LIXO E SEU DESTINO

REVISÃO 2º BIMESTRE LIXO E SEU DESTINO REVISÃO 2º BIMESTRE LIXO E SEU DESTINO 1) Analise as alternativas sobre aspectos relacionados ao lixo e marque (V) para as verdadeiras e (F) para as falsas. ( ) O lixo é caracterizado como tudo aquilo

Leia mais

O AMERIPREV participa de Programas de Sustentabilidade reciclando os resíduos produzidos pelo Instituto, assim pratica a Responsabilidade Social e

O AMERIPREV participa de Programas de Sustentabilidade reciclando os resíduos produzidos pelo Instituto, assim pratica a Responsabilidade Social e O AMERIPREV participa de Programas de Sustentabilidade reciclando os resíduos produzidos pelo Instituto, assim pratica a Responsabilidade Social e ajuda a preservar o Meio Ambiente, gerando economia e

Leia mais

Avaliação do Desenvolvimento do Projeto PET-Geologia Recicla

Avaliação do Desenvolvimento do Projeto PET-Geologia Recicla Avaliação do Desenvolvimento do Projeto PET-Geologia Recicla Maurício Brito de Sousa¹, Diogo Isamu de Almeida Okuno¹, Estefânia Fernandes Lopes¹, Flavio Rafael Cogo Ramos¹, Mariana de Assunção Rodrigues¹,

Leia mais

ESTRUTURA REMUNERATÓRIA SESI E SENAI

ESTRUTURA REMUNERATÓRIA SESI E SENAI Superintendente Corporativo Superintendente do Diretor Regional do Executivo Superintendentes e Diretoria Regional 18.734,00 Gerente Corporativo de Adm. Controle Gerente Corporativo de Finanças Gerências

Leia mais

ALTERNATIVAS DE DESTINAÇÃO DE RESÍDUOS INDUSTRIAIS. Apresentação: Ana Rosa Freneda Data: 17/10/2014

ALTERNATIVAS DE DESTINAÇÃO DE RESÍDUOS INDUSTRIAIS. Apresentação: Ana Rosa Freneda Data: 17/10/2014 ALTERNATIVAS DE DESTINAÇÃO DE RESÍDUOS INDUSTRIAIS Apresentação: Ana Rosa Freneda Data: 17/10/2014 3 Elos Soluções Ambientais Alternativa para otimizar a destinação de resíduos: Crescente necessidade das

Leia mais

Ass. de Comunicação www.ptexto.com.br. Veículo: Site Correio Braziliense Data: 14/06/2012. Assunto: Rio+20

Ass. de Comunicação www.ptexto.com.br. Veículo: Site Correio Braziliense Data: 14/06/2012. Assunto: Rio+20 Veículo: Site Correio Braziliense Data: 14/06/2012 Seção: Ser Sustentável Pág.: http://bit.ly/okj5q9 Assunto: Rio+20 Veículo: Site Correio Braziliense Data: 14/06/2012 Seção: Ser Sustentável Pág.: http://bit.ly/okj5q9

Leia mais

Estratégia e Desenvolvimento Sustentável. Responsabilidade e Índices de Sustentabilidade Empresarial. Aula 6

Estratégia e Desenvolvimento Sustentável. Responsabilidade e Índices de Sustentabilidade Empresarial. Aula 6 Estratégia e Desenvolvimento Sustentável Aula 6 Prof. Marcos Rogério Maioli rogeriomaioli@grupouninter.com.br Investimentos com Responsabilidade e Índices de Sustentabilidade Empresarial MBA em Planejamento

Leia mais

SEPARAR PRA QUÊ? Idealizadoras. Eduarda Ramires Silveira. Evelyn Victória Cardoso Lopes. Mel Suzane Santos Marques. Voluntários

SEPARAR PRA QUÊ? Idealizadoras. Eduarda Ramires Silveira. Evelyn Victória Cardoso Lopes. Mel Suzane Santos Marques. Voluntários SEPARAR PRA QUÊ? Idealizadoras Eduarda Ramires Silveira Evelyn Victória Cardoso Lopes Mel Suzane Santos Marques Voluntários Joyce Thaís Mendes Alves Sílvia Rocha Pena Rodrigues Luíza Almeida Dias de Carvalho

Leia mais

Módulo 6 Estudos de Caso 1 e 2

Módulo 6 Estudos de Caso 1 e 2 Módulo 6 Estudos de Caso 1 e 2 Orientação para os Estudos de Caso Para a realização de uma auditoria é necessário que o auditor tenha conhecimentos teóricos e práticos e para que você obtivesse este conhecimento

Leia mais

NUTRIÇÃO E SUSTENTABILIDADE. Luciana Dias de Oliveira CRN2 4498

NUTRIÇÃO E SUSTENTABILIDADE. Luciana Dias de Oliveira CRN2 4498 NUTRIÇÃO E SUSTENTABILIDADE Luciana Dias de Oliveira CRN2 4498 O que é SUSTENTABILIDADE? Como aliar SUSTENTABILIDADE e NUTRIÇÃO? O que é sustentabilidade? Constituição Federal Art. 225. Todos têm o direito

Leia mais

Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação

Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Práticas de sustentabilidade Ações que tenham como objetivo a construção de um novo modelo de cultura institucional visando a inserção de critérios de sustentabilidade

Leia mais

A Produção de Empreendimentos Sustentáveis

A Produção de Empreendimentos Sustentáveis A Produção de Empreendimentos Sustentáveis Arq. Daniela Corcuera arq@casaconsciente.com.br www.casaconsciente.com.br A construção sustentável começa a ser praticada no Brasil, ainda com alguns experimentos

Leia mais

Política de Saúde, Segurança e Meio Ambiente

Política de Saúde, Segurança e Meio Ambiente Política de Saúde, Segurança e Meio Ambiente Política Global Novartis 1 de março de 2014 Versão HSE 001.V1.PT 1. Introdução Na Novartis, nossa meta é ser líder em Saúde, Segurança e Meio Ambiente (HSE).

Leia mais

PLANO DE GESTÃO DE LOGÍSTICA SUSTENTÁVEL

PLANO DE GESTÃO DE LOGÍSTICA SUSTENTÁVEL Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Câmpus Guarapuava PLANO DE GESTÃO DE LOGÍSTICA SUSTENTÁVEL Comissão Gestora do Plano de Gestão de Logística Sustentável UTFPR - Câmpus

Leia mais

CDP - SUPPLY CHAIN BRASIL DESAFIOS E CONQUISTAS - 2014 BUSINESS CASES

CDP - SUPPLY CHAIN BRASIL DESAFIOS E CONQUISTAS - 2014 BUSINESS CASES CDP - SUPPLY CHAIN BRASIL DESAFIOS E CONQUISTAS - 2014 BUSINESS CASES Profa. Dra. Priscila Borin de Oliveira Claro priscila.claro@insper.edu.br 05/02/2015 Apoio: Agenda Apresentação Parceria CDP e Insper

Leia mais

Sustentabilidade no Setor Varejista Brasileiro. Fernando de Castro Presidente

Sustentabilidade no Setor Varejista Brasileiro. Fernando de Castro Presidente Sustentabilidade no Setor Varejista Brasileiro Fernando de Castro Presidente Quem Somos Grupo de empresários preocupados em: o Contribuir com políticas de desenvolvimento para o Brasil o Participação do

Leia mais

Pesquisa de Percepção do Viver Direito

Pesquisa de Percepção do Viver Direito Metas lcançadas - Pesquisa de Percepção do Programa de Divulgação Viver Direito A pesquisa é um INDICADOR de efetividade do cumprimento da meta 1 do PRODVD: Atingir 60% do público interno com a campanha

Leia mais

Os desafios para a inovação no Brasil. Maximiliano Selistre Carlomagno

Os desafios para a inovação no Brasil. Maximiliano Selistre Carlomagno Os desafios para a inovação no Brasil Maximiliano Selistre Carlomagno Sobre a Pesquisa A pesquisa foi realizada em parceria pelo IEL/RS e empresa Innoscience Consultoria em Gestão da Inovação durante

Leia mais

Pesquisa sobre Resíduos Sólidos. Agosto de 2014

Pesquisa sobre Resíduos Sólidos. Agosto de 2014 Pesquisa sobre Resíduos Sólidos Agosto de 2014 A Pesquisa OBJETIVO Conhecer o panorama atual e os desafios relativos à gestão dos resíduos sólidos na indústria do Brasil. Os resultados serão apresentados

Leia mais

GASTRONOMIA SUSTENTÁVEL - PARATY. Oficina de Planejamento 2010-2012

GASTRONOMIA SUSTENTÁVEL - PARATY. Oficina de Planejamento 2010-2012 GASTRONOMIA SUSTENTÁVEL - PARATY Oficina de Planejamento 2010-2012 Paraty, agosto de 2010 Objetivo da oficina Elaborar o Direcionamento Estratégico da Gastronomia Sustentável de Paraty para os próximos

Leia mais

Brasília,Ceilândia - DF QNM 28 Módulo B Fone: 3373-1810/7816-0019 www.recicleavida.com.br

Brasília,Ceilândia - DF QNM 28 Módulo B Fone: 3373-1810/7816-0019 www.recicleavida.com.br Brasília,Ceilândia - DF QNM 28 Módulo B Fone: 3373-1810/7816-0019 www.recicleavida.com.br O QUE É A ASSOCIAÇÃO RECICLE A VIDA A Recicle a Vida, é uma Associação de Catadores sem fins lucrativos, de direito

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO / BACHARELADO

ADMINISTRAÇÃO / BACHARELADO ADMINISTRAÇÃO / BACHARELADO Dos cursos mais procurados pelos estudantes, o de Administração é um dos mais novos. Enquanto Medicina e Direito formam profissionais desde o século 19, foi apenas em 1946 que

Leia mais

VII Recicle CEMPRE. Ricardo Rolim. Diretor de Relações Sociambientais 08/Nov/2011

VII Recicle CEMPRE. Ricardo Rolim. Diretor de Relações Sociambientais 08/Nov/2011 VII Recicle CEMPRE Ricardo Rolim Diretor de Relações Sociambientais 08/Nov/2011 Quem somos Ambev 4ª maior cervejaria no mundo 3ª marca mais consumida no mundo (Skol) Líder absoluto no segmento guaraná

Leia mais

EDUCAÇÃO AMBIENTAL: CONHECENDO A COLETA SELETIVA. Categoria do projeto: II Projetos em implantação (projetos que estão em fase inicial)

EDUCAÇÃO AMBIENTAL: CONHECENDO A COLETA SELETIVA. Categoria do projeto: II Projetos em implantação (projetos que estão em fase inicial) EDUCAÇÃO AMBIENTAL: CONHECENDO A COLETA SELETIVA Mostra Local de: Araruna Categoria do projeto: II Projetos em implantação (projetos que estão em fase inicial) Nome da Instituição/Empresa: JK Consultoria

Leia mais

A gestão de resíduos na UNISINOS atendendo aos requisitos da ISO 14.001:2004. Palestrante: Dra. Luciana Paulo Gomes, UNISINOS lugomes@unisinos.

A gestão de resíduos na UNISINOS atendendo aos requisitos da ISO 14.001:2004. Palestrante: Dra. Luciana Paulo Gomes, UNISINOS lugomes@unisinos. A gestão de resíduos na UNISINOS atendendo aos requisitos da ISO 14.001:2004 Palestrante: Dra. Luciana Paulo Gomes, UNISINOS lugomes@unisinos.br 1 LIVRO: Gestão de Resíduos em Universidades 1. Como foi

Leia mais

DO PROGRAMA. www.ecolmeia.org.br

DO PROGRAMA. www.ecolmeia.org.br PROGRAMA DO PROGRAMA O Programa ECO RECICLA é uma iniciativa da OSCIP Ecolmeia em parceria com Cooperativas de Reciclagem, seus cooperados, o Primeiro e o Segundo Setor da Sociedade. Tem como objetivo

Leia mais

DATA: 05/05 AUDITÓRIO: OPERAÇÕES TEMA: SUSTENTABILIDADE NAS ORGANIZAÇÕES BRASILEIRAS: ONDE ESTAMOS? PALESTRANTE: NATHAN HERSZKOWICZ

DATA: 05/05 AUDITÓRIO: OPERAÇÕES TEMA: SUSTENTABILIDADE NAS ORGANIZAÇÕES BRASILEIRAS: ONDE ESTAMOS? PALESTRANTE: NATHAN HERSZKOWICZ DATA: 05/05 AUDITÓRIO: OPERAÇÕES TEMA: SUSTENTABILIDADE NAS ORGANIZAÇÕES BRASILEIRAS: ONDE ESTAMOS? PALESTRANTE: NATHAN HERSZKOWICZ Planejamento Boa Gestão Consciência Política Sustent bilidade Participação

Leia mais