Escola Superior de Música, Artes e Espectáculo. Curso de Tecnologia da Comunicação Multimédia. Relatório. Aluno: Pedro Filipe Brito Xavier De Mesquita

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Escola Superior de Música, Artes e Espectáculo. Curso de Tecnologia da Comunicação Multimédia. Relatório. Aluno: Pedro Filipe Brito Xavier De Mesquita"

Transcrição

1 Escola Superior de Música, Artes e Espectáculo Curso de Tecnologia da Comunicação Multimédia Relatório Aluno: Pedro Filipe Brito Xavier De Mesquita Docente: Leonel Cunha Rui Espírito Santo Laboratório I

2 Planificação da Escola 1. Introdução da Escola A Escola Secundária Nicolau Nasoni, é um edifício de grande qualidade arquitetónica e pretende ser uma homenagem ao arquiteto italiano Nasoni, pois constituirá uma marca indelével da arquitetura do século XXI, tal como a Torre dos Clérigos no século XVIII. A escola é um espaço de beleza e de arte, acolhedor, saudável, luminoso, termicamente confortável e com uma elevada preocupação em questões ambientais. Figura 1 Logótipo Escola Secundária Nicolau Nasoni 1.1. Desenvolvimento do Logótipo O logótipo idealizado para esta Escola Secundária Nicolau Nasoni utiliza um esquema simples baseado nas duas primeiras letras do arquiteto italiano Nicolau Nasoni. A escolha das cores: o preto confere distinção e elegância em contraste com o branco que transmite iluminação e transformação, aludindo a um ensino de sucesso. 2. Estrutura da Site A página inicial ou homepage (index.htm), é a primeira página que os utilizadores têm acesso quando abrem o site. O utilizador navegará através de uma lista, sob a forma de um menu com ligações para todos os conteúdos (escola, oferta formativa, serviços, candidatura, contactos). O menu é acessível, para com o máximo de rapidez e mínimo de esforço o utilizador alcance o conteúdo da escola pretendido. 3. Acessibilidade do Site A acessibilidade de um site traduz-se na disponibilidade de serviços ou informações ao maior número e variedade possível de pessoas, independentemente das suas limitações físico-motoras, perceptivas, culturais e sociais. Assim pretende-se facilitar o acesso a informação de forma simples e interativa, sobre os mais diversos assuntos. 2

3 Figura 2 Menu Principal do Site Escola Secundária Nicolau Nasoni 3.1 Acessibilidade de Interface O aspecto gráfico do site faz com que o utilizador se interesse ou desinteresse pela conteúdo. A viabilidade da site prende-se com a facilidade de uso do documento, devendo a interface ser amigável. A legibilidade da informação é um dos principais critérios de usabilidade, quer se refira ao texto ou às imagens. Como a capacidade de leitura em aplicações diminui 25% em relação ao papel, é importante que o texto esteja apresentado em pequenos parágrafos e alinhado à esquerda, sendo maior o espaçamento entre parágrafos do que entre linhas. Deverá ter um título destacado do restante corpo de texto. A cor do texto deve ser contrastante com a do fundo. Figura 3 Conteúdo Escola do Site Escola Secundária Nicolau Nasoni 4. Estrutura de Conteúdos Definição das funcionalidades e do funcionamento do site: o conteúdo será composto por imagens, textos, videos, e demais formas de expressão que a tecnologia utilizada possa oferecer ao usuário. Um dos objectivos para uma navegação eficaz, é fazer com que o visitante permaneça no site e também ajudá-lo a encontrar o que está à procura de maneira fácil e rápida. 3

4 A navegação deve ser apresentada de forma clara, indicando o conteúdo página em que o utilizador se encontra e como voltar para o menu principal. Todos os conteúdos devem ser acessíveis a partir da homepage através de um menu, nem que seja necessário incluir um mapa da aplicação ou outra função de procura. Os utilizadores devem conseguir encontrar facilmente o que procuram nas categorias que o menu do site apresenta. O trajeto deverá ser simples e cada clique deverá conduzir a um objetivo. 5. Design Templates e Layouts são muitas vezes confundidos como sendo a mesma coisa. O primeiro termo funciona como um documento sem conteúdo; define apenas à apresentação visual, ou seja, onde fica o cabeçalho, o corpo de texto e todos os elementos importantes na construção da aplicação a nível estético. Enquanto que o segundo termo refere-se apenas às cores ou botões da página, não alterando de forma alguma o esquema da página. Desta forma, ao escolhermos as cores para os títulos ou para o background de uma dada página, estamos a definir o layout da página. Com este site procurei um efeito visual apelativo, ao conjugar de forma simples o Template e o Layout, de forma a ser facilmente perceptível pelo utilizador. Assim propus uma boa relação de cores entre o background (branco e azul), e as imagens, e o contraste com as letras (pretas) permitem uma melhor leitura ao utilizador. O texto é bastante legível pois tem contraste com o fundo e a letra tem um tamanho razoável. Deste modo se um site for funcional, os seus visitantes terão uma experiência mais agradável e intuitiva, causando boa impressão e fazendo com que o visitante revele interesse em voltar a usufruir do conteúdo da aplicação. 5.1 Públicidade A publicidade visou a divulgação da escola através de um video, um cartaz e um flyer. Com o intuito de promover e cativar novos alunos, Cursos Profissionais Técnico Multimédia Técnico de Animação 2D e 3D História e Apresentação A Escola Secundária Nicolau Nasoni está situada a 10m a pé dos Clérigos. É um edifício de grande qualidade arquitetónica e pretende ser uma homenagem ao arquiteto italiano Nasoni, pois constituirá uma marca indelével da arquitetura do século XXI, tal como a Torre dos Clérigos Cursos Científicos Ciências e Tecnologias Ciências Socioeconómicas Línguas e Humanidades no século XVIII. A escola é um espaço de beleza e de arte, acolhedor, saudável, luminoso, termicamente confortável e com uma elevada preocupação em questões ambientais. Artes Visuais Figura 4 e 5 Flyer e Cartaz da Escola Secundária Nicolau Nasoni 4

5 6. Navegação O menu de navegação será simples e esclarecedor, e estará presente no inicio do site, após visualizar o conteúdo desejado, existirá um botão voltar, e retrocederemos ao menu. Tal como a lista de programação da TV ou o quadro dos horários do comboio. Dever-se-á usar um sistema simples de navegação global em todos os conteúdos do site. Como regra, dever-se-á colocar a possibilidade de aceder novamente ao menu principal do site, após consultar o conteúdo. Deverá ser consistente, ter a mesma estrutura, cores, tipo de letra, para facilitar a procura e a navegação e evitar os "becos sem saída. Visto que a composição deste site será bastante simples, o tempo de abertura será rápido e a existência de um mapa ou de outra função de procura será desnecessária. Para explorarmos o site necessitamos obrigatoriamente de um rato ou um Touchpad, pois as teclas apenas permitem rolar para cima e para baixo. Será possível retroceder e navegar de conteúdo em conteúdo através do menu que se encontra no topo da página e através do botão voltar. Através do scroll, conseguimos uma visão geral de todos os conteúdos da página e ao escolhermos o que queremos, é nos apresentando na integra a informação pretendida. Neste site, ao mudarmos de conteúdo, o layout não se altera muito, afirmando uma identidade própria e criando uma relação de unidade e coerência estética entre as páginas. Ao mudar de conteúdo não se deverá sentir que se está a entrar noutro site; a página mantém a mesma estrutura o que facilita a percepção e a leitura de quem a visita. 7. Diapositivos Móveis O site também funciona para alguns dispositivos móveis (iphones, ipads, ect.), e redimensiona automaticamente a página, conforme a susceptibilidade. Figura 6, 7 e 8 ipad landscape (width: 1024px), kindle portrait (width:600px), e Android (Nexus 4, width:384px) O design para dispositivos móveis sofre algumas alterações conforme é redimensionado, o utilizador desfruta da possibilidade de visualizar o mesmo site com template e layout diferente. O menu principal é redimensionado de diversas formas: na figura 6 a página é dividida numa estrutura vertical, na figura 7 numa estrutura horizontal, e na figura 8 passamos directamente para o conteúdo do site. 5

6 8. Bibliografia CARVALHO, A. (2006). Indicadores de qualidade de sites educativos. Cadernos de SACAUSEF Sistema de Avaliação, Certificação e Apoio à Utilização de Software para a Educação e a Formação, Número 2, Ministério da Educação. Acesso em 29 de Novembro de Disponível em: formato+completo CARVALHO, A., SIMÕES, A. & SILVA, J. (2005). Indicadores de qualidade e de confiança de um site. Acesso em 29 de Novembro de Disponível em: VENÂNCIO, C. (2009). Internet Marketing Success Blog - Menu de Navegação num Website. WSI we simplify the Internet. Acesso em 14 de Dezembro de Disponível em: ebsite/ 6

1- Objetivos de comunicação/adaptabilidade aos vários dispositivos

1- Objetivos de comunicação/adaptabilidade aos vários dispositivos UC: Tecnologia Multimédia Discente Brany Cunha Lisboa-1130499 Docente: Bruno Rego Proposta de melhoria de uma solução interativa Site: www.reporterstp.info 1- Objetivos de comunicação/adaptabilidade aos

Leia mais

Microsoft PowerPoint. Prof. Rafael Vieira

Microsoft PowerPoint. Prof. Rafael Vieira Microsoft PowerPoint Prof. Rafael Vieira Características do Microsoft PowerPoint O que é? Éuma aplicação utilizada sobretudo para criar apresentações Permite utilizar animação, efeitos de transição entre

Leia mais

Centro de Competência Entre Mar e Serra. Guia

Centro de Competência Entre Mar e Serra. Guia SMART Notebook Software Guia O Software Notebook permite criar, organizar e guardar notas num quadro interactivo SMART Board (em modo projectado e não-projectado), num computador pessoal e, em seguida,

Leia mais

Ferramentas Web, Web 2.0 e Software Livre em EVT

Ferramentas Web, Web 2.0 e Software Livre em EVT E s t u d o s o b r e a i n t e g r a ç ã o d e f e r r a m e n t a s d i g i t a i s n o c u r r í c u l o d a d i s c i p l i n a d e E d u c a ç ã o V i s u a l e T e c n o l ó g i c a MockFlow M a

Leia mais

Microsoft PowerPoint 2003

Microsoft PowerPoint 2003 Página 1 de 36 Índice Conteúdo Nº de página Introdução 3 Área de Trabalho 5 Criando uma nova apresentação 7 Guardar Apresentação 8 Inserir Diapositivos 10 Fechar Apresentação 12 Abrindo Documentos 13 Configurar

Leia mais

Utilizar o Microsoft Offi ce OneNote 2003: Iniciação rápida

Utilizar o Microsoft Offi ce OneNote 2003: Iniciação rápida Utilizar o Microsoft Offi ce OneNote 2003: Iniciação rápida Utilizar a iniciação ao OneNote 1 O MICROSOFT OFFICE ONENOTE 2003 OPTIMIZA A PRODUTIVIDADE AO PERMITIR QUE OS UTILIZADORES CAPTEM, ORGANIZEM

Leia mais

Interação Humano-Computador Design: estrutura e estética PROFESSORA CINTIA CAETANO

Interação Humano-Computador Design: estrutura e estética PROFESSORA CINTIA CAETANO Interação Humano-Computador Design: estrutura e estética PROFESSORA CINTIA CAETANO Arte X Engenharia Desenvolver Sistema Web é arte? A Web oferece espaço para arte...... mas os usuários também desejam

Leia mais

Tecnologias da Informação e Comunicação 9º ANO. Escola Básica José Afonso. Professora Marta Caseirito

Tecnologias da Informação e Comunicação 9º ANO. Escola Básica José Afonso. Professora Marta Caseirito Tecnologias da Informação e Comunicação 9º ANO Escola Básica José Afonso Professora Marta Caseirito Grupo 1 1. As questões seguintes são de escolha múltipla. Nas afirmações seguintes assinale com X aquela

Leia mais

Ferramentas Web, Web 2.0 e Software Livre em EVT

Ferramentas Web, Web 2.0 e Software Livre em EVT Estudo sobre a integração de ferramentas digitais no currículo da disciplina de Educação Visual e Tecnológica Art Of Illusion Manual e Guia de exploração do Art Of Illusion para utilização em contexto

Leia mais

20 Manual Manual do Utilizador Android

20 Manual Manual do Utilizador Android 20 Manual Manual do Utilizador Android Versão 1.1 Conteúdos do Manual do Utilizador A aplicação 20 Manual... 3 I... 3 1. Especificações técnicas... 3 1.1 Especificações mínimas do tablet... 3 1.2 Software

Leia mais

Educação Digital... 41... 19

Educação Digital... 41... 19 Versão 1.1 ... 3... 3... 3... 3... 3... 4... 4... 6... 9... 9... 10... 13... 15... 16... 16... 17... 18... 19... 21... 23... 27... 41... 42... 43... 44... 46... 60... 65 2 A aplicação 20 Manual é um novo

Leia mais

GeoMafra Portal Geográfico

GeoMafra Portal Geográfico GeoMafra Portal Geográfico Nova versão do site GeoMafra Toda a informação municipal... à distância de um clique! O projecto GeoMafra constitui uma ferramenta de trabalho que visa melhorar e homogeneizar

Leia mais

Programação e Designer para WEB

Programação e Designer para WEB Programação e Designer para WEB Usabilidade Prof. Rodrigo Rocha prof.rodrigorocha@yahoo.com Porque se preocupar com a web público extremamente grande cada dia cresce mais gerador de negócios ferramenta

Leia mais

Mercadinho Português Online

Mercadinho Português Online Mercadinho Português Online Principais funcionalidades O mercado online de artesanato e artigos gourmet encontra-se facilmente na homepage, no 2º link do menu principal. Foi desenhado para ser bastante

Leia mais

Como Iniciar NSZ-GS7. Network Media Player. As imagens de ecrãs, as operações e as especificações estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

Como Iniciar NSZ-GS7. Network Media Player. As imagens de ecrãs, as operações e as especificações estão sujeitas a alterações sem aviso prévio. Como Iniciar PT Network Media Player NSZ-GS7 As imagens de ecrãs, as operações e as especificações estão sujeitas a alterações sem aviso prévio. Como Iniciar: LIGAR/EM ESPERA Liga ou desliga o leitor.

Leia mais

Construtor de Páginas

Construtor de Páginas Construtor de Páginas O novo Construtor de Páginas trouxe para o professor novos recursos em uma interface mais limpa, rápida e dinâmica, mas o Portal não desabilitou a utilização do antigo construtor

Leia mais

Wireframes Desenho de Iteração. Henrique Correia. Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa

Wireframes Desenho de Iteração. Henrique Correia. Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa 1 Wireframes Desenho de Iteração Henrique Correia Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa Sistemas Hipermédia - 1º ano Mestrado Ensino da Informática 11 de Outubro de 2011 2 Wireframes Introdução

Leia mais

LeYa Educação Digital

LeYa Educação Digital Índice 1. Conhecer o 20 Aula Digital... 4 2. Registo no 20 Aula Digital... 5 3. Autenticação... 6 4. Página de entrada... 7 4.1. Pesquisar um projeto... 7 4.2. Favoritos... 7 4.3. Aceder a um projeto...

Leia mais

Critérios. Melhores Práticas e Regras

Critérios. Melhores Práticas e Regras AULA 10 - ETAPAS DE DESENVOLVIMENTO WEB Usabilidade Projetando para o usuário Os conceitos de usabilidade têm como base o desenvolvimento de projetos centrados nas necessidades reais dos usuários. Lembre-se,

Leia mais

Manual de Administração Intranet BNI

Manual de Administração Intranet BNI Manual de Administração Intranet BNI Fevereiro - 2010 Índice 1. Apresentação... 3 2. Conceitos... 5 3. Funcionamento base da intranet... 7 3.1. Autenticação...8 3.2. Entrada na intranet...8 3.3. O ecrã

Leia mais

Notebook 10 Software para aprendizagem colaborativa

Notebook 10 Software para aprendizagem colaborativa Notebook 10 Software para aprendizagem colaborativa Crie momentos extraordinários na sala de aula O software premiado Notebook está a criar o padrão mundial para criar, ensinar e gerir aulas interactivas

Leia mais

Como produzir e publicar uma apresentação online dinâmica (Prezi)

Como produzir e publicar uma apresentação online dinâmica (Prezi) Como produzir e publicar uma apresentação online dinâmica (Prezi) Este módulo irá ensinar-lhe como produzir e publicar uma apresentação online dinâmica usando o programa Prezi. A produção de uma apresentação

Leia mais

Planificação Anual da disciplina de TIC 9ºANO

Planificação Anual da disciplina de TIC 9ºANO Planificação Anual da disciplina de TIC 9ºANO Conteúdos/Temas Competências Avaliação 1.1. Conceitos Introdutórios - Conhecer os conceitos básicos: Informação Informática Tecnologias da Informação e - Conhecer

Leia mais

ateliê ateliê ateliê ateliê ateliê ateliê ateliê ateliê ateliê ateliê ateliê REALIDADE VIRTUAL NA ARQUITETURA José Luís Farinatti Aymone

ateliê ateliê ateliê ateliê ateliê ateliê ateliê ateliê ateliê ateliê ateliê REALIDADE VIRTUAL NA ARQUITETURA José Luís Farinatti Aymone 2004 142 ARQTEXTO 5 A REALIDADE VIRTUAL NA ARQUITETURA José Luís Farinatti Aymone O uso do projeto auxiliado por computador (CAD) em arquitetura é cada vez mais corrente, através do projeto 2D e 3D de

Leia mais

DOWNLOAD DO APLICATIVO: INSTALAÇÃO DO APLICATIVO

DOWNLOAD DO APLICATIVO: INSTALAÇÃO DO APLICATIVO DOWNLOAD DO APLICATIVO: O aplicativo deve ser baixado pelo endereço: http://www.estudeadistancia.com/avamobile/ A partir do dia 03/06 será disponibilizado dois links para download: 1 download do aplicativo

Leia mais

OFICINA BLOG DAS ESCOLAS

OFICINA BLOG DAS ESCOLAS OFICINA BLOG DAS ESCOLAS Créditos: Márcio Corrente Gonçalves Mônica Norris Ribeiro Março 2010 1 ACESSANDO O BLOG Blog das Escolas MANUAL DO ADMINISTRADOR Para acessar o blog da sua escola, acesse o endereço

Leia mais

Microsoft Office FrontPage 2003

Microsoft Office FrontPage 2003 Instituto Politécnico de Tomar Escola Superior de Gestão Área Interdepartamental de Tecnologias de Informação e Comunicação Microsoft Office FrontPage 2003 1 Microsoft Office FrontPage 2003 O Microsoft

Leia mais

UNIDADE 2: Sistema Operativo em Ambiente Gráfico

UNIDADE 2: Sistema Operativo em Ambiente Gráfico Ambiente Gráfico Configurações Acessórios O Sistema Operativo (SO) é o conjunto de programas fundamentais que permitem que o computador funcione e que comunique com o exterior. Actualmente o Windows é

Leia mais

Centro de Competência Entre Mar e Serra. Guia

Centro de Competência Entre Mar e Serra. Guia SMART Notebook Software Guia O Software Notebook permite criar, organizar e guardar notas num quadro interactivo SMART Board (em modo projectado e não-projectado), num computador pessoal e, em seguida,

Leia mais

Ano de Escolaridade: 3º Ano Turma: Ano Lectivo: 2011/2012

Ano de Escolaridade: 3º Ano Turma: Ano Lectivo: 2011/2012 L a n g u a g e SSeerrvvi icceess & SSool luut tioonnss Arte das Palavras, Ens. e Trad.,Unip., Lda. PLANIFICAÇÃO ANUAL TIC (TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO) Agrupamento de Escolas de Condeixa-a-Nova

Leia mais

A VISTA BACKSTAGE PRINCIPAIS OPÇÕES NO ECRÃ DE ACESSO

A VISTA BACKSTAGE PRINCIPAIS OPÇÕES NO ECRÃ DE ACESSO DOMINE A 110% ACCESS 2010 A VISTA BACKSTAGE Assim que é activado o Access, é visualizado o ecrã principal de acesso na nova vista Backstage. Após aceder ao Access 2010, no canto superior esquerdo do Friso,

Leia mais

4.3 Ferramentas para criar conteúdos/recursos educativos

4.3 Ferramentas para criar conteúdos/recursos educativos 4.3 Ferramentas para criar conteúdos/recursos educativos 4.3.2. Google Sites Célio Gonçalo Marques a) Introdução O Google Sites foi lançado oficialmente no dia 23 de Outubro de 2008 em mais de 37 línguas,

Leia mais

28 Super Dicas para escolher o seu Template www.templatejoomla.com.br

28 Super Dicas para escolher o seu Template www.templatejoomla.com.br 28 Super Dicas para escolher o seu Template www.templatejoomla.com.br 01 Escolha o template baseado no objetivo do site. Se seu site for um restaurante, escolha um template que tenha fotos e formato de

Leia mais

20 Manual. Manual do utilizador Windows 8

20 Manual. Manual do utilizador Windows 8 20 Manual Manual do utilizador Windows 8 Índice A aplicação 20 Manual... 3 I... 3 1. Especificações técnicas... 3 1.1. Requisitos técnicos mínimos:... 3 II... 4 Começar a utilizar o 20 Manual... 4 1. Instalar

Leia mais

Apostila para o 7º ano Profª Yandra

Apostila para o 7º ano Profª Yandra Apostila para o 7º ano Profª Yandra INTRODUÇÃO Scratch é uma linguagem de programação desenvolvida por uma conceituada universidade norte-americana (MIT). Através de um sistema inovador que introduz noções

Leia mais

ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS TURMA 2008 4º PERÍODO - 7º MÓDULO AVALIAÇÃO A4 DATA 22/10/2009 ENGENHARIA DE USABILIDADE

ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS TURMA 2008 4º PERÍODO - 7º MÓDULO AVALIAÇÃO A4 DATA 22/10/2009 ENGENHARIA DE USABILIDADE ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS TURMA 2008 4º PERÍODO - 7º MÓDULO AVALIAÇÃO A4 DATA 22/10/2009 ENGENHARIA DE USABILIDADE 2009/2 GABARITO COMENTADO QUESTÃO 1: Quando nos referimos à qualidade da interação

Leia mais

Produção de Websites. Composição Web. Artur M. Arsénio. Engenharia Informá:ca / Informá:ca Web 2014/15

Produção de Websites. Composição Web. Artur M. Arsénio. Engenharia Informá:ca / Informá:ca Web 2014/15 Produção de Websites Composição Web Engenharia Informá:ca / Informá:ca Web 2014/15 Artur M. Arsénio Planeamento Estratégico Análise da informação, a par:r de um briefing com o cliente Detectar corretamente

Leia mais

Construir um e-portefólio com o Blogger

Construir um e-portefólio com o Blogger TUTORIAIS CienTIC7 Construir um e-portefólio com o Blogger O suporte informático para um e-portefólio pode ser tão simples como um documento criado num processador de texto ou tão específico e elaborado

Leia mais

Usabilidade e Acessibilidade dos Museus Online. Ivo Gomes

Usabilidade e Acessibilidade dos Museus Online. Ivo Gomes Usabilidade e Acessibilidade dos Museus Online Ivo Gomes Análise aos websites dos Museus Nacionais Em colaboração com o Público Digital Análise aos websites dos Museus Nacionais O Público Digital pediu

Leia mais

Ensino técnico Integrado ao médio.

Ensino técnico Integrado ao médio. PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015 Ensino técnico Integrado ao médio. Código: 262 ETEC ANHANQUERA Município: Santana de Parnaíba Componente Curricular: Desenvolvimento e Design de Websites Eixo

Leia mais

Configurações do Windows para Leitores de Tela

Configurações do Windows para Leitores de Tela MÓDULO DE ACESSIBILIDADE VIRTUAL - CEFET BG SIEP (SISTEMA DE INFORMAÇÃO DA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA) Configurações do Windows para Leitores de Tela Desenvolvido por Celio Marcos Dal Pizzol e

Leia mais

GeoMafra Portal Geográfico

GeoMafra Portal Geográfico GeoMafra Portal Geográfico Nova versão do site GeoMafra Toda a informação municipal... à distância de um clique! O projecto GeoMafra constitui uma ferramenta de trabalho que visa melhorar e homogeneizar

Leia mais

Mais acerca do Pages

Mais acerca do Pages Mais acerca do Pages Folheie o documento; toque nas imagens e no texto. E fique a conhecer a melhor aplicação de tratamento de texto jamais concebida para um dispositivo móvel. 1: Familiarize se com o

Leia mais

Microsoft Office PowerPoint 2003

Microsoft Office PowerPoint 2003 Instituto Politécnico de Tomar Escola Microsoft Superior de Gestão Office PowerPoint 00 Área Interdepartamental de Tecnologias de Informação e Comunicação Microsoft Office PowerPoint 00 Introdução ao PowerPoint

Leia mais

Ferramentas Web, Web 2.0 e Software Livre em EVT

Ferramentas Web, Web 2.0 e Software Livre em EVT Estudo sobre a integração de ferramentas digitais no currículo da disciplina de Educação Visual e Tecnológica What s a Print Manual e Guia de exploração do What s a Print para utilização em contexto de

Leia mais

1- Aprender e técnicas mais sofisticadas de fazer apresentações usando recursos

1- Aprender e técnicas mais sofisticadas de fazer apresentações usando recursos PowerPoint Objetivo 1- Aprender e técnicas mais sofisticadas de fazer apresentações usando recursos multimídia no ambiente do software. É um curso indicado para profissionais ou estudantes ligados à criação

Leia mais

Adaptação de materiais digitais. Manuela Francisco manuela.amado@gmail.com

Adaptação de materiais digitais. Manuela Francisco manuela.amado@gmail.com Adaptação de materiais digitais Manuela Francisco manuela.amado@gmail.com Plano da sessão Tópicos Duração Documentos acessíveis: porquê e para quem. Diretrizes de acessibilidade Navegabilidade, legibilidade

Leia mais

BRIP. Índice. I Que recursos digitais tenho à minha disposição e de que forma os posso utilizar? 05

BRIP. Índice. I Que recursos digitais tenho à minha disposição e de que forma os posso utilizar? 05 BRIP Índice I Que recursos digitais tenho à minha disposição e de que forma os posso utilizar? 05 1 Aulas interativas 05 2 E-manuais 09 Temas 09 Pesquisa global de Recursos Educativos Digitais 11.1 Pesquisa

Leia mais

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA FACULDADE DE PSICOLOGIA E DE EDUCAÇÃO MESTRADO EM CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO ESPECIALIZAÇÃO EM INFORMÁTICA EDUCACIONAL Internet e Educação Ensaio: A Web 2.0 como ferramenta pedagógica

Leia mais

gettyimages.pt Guia do site área de Film

gettyimages.pt Guia do site área de Film gettyimages.pt Guia do site área de Film Bem-vindo à área de Film do novo site gettyimages.pt. Decidimos compilar este guia, para o ajudar a tirar o máximo partido da área de Film, agora diferente e melhorada.

Leia mais

Editor HTML. Composer

Editor HTML. Composer 6 Editor HTML 6 Composer Onde criar Páginas Web no Netscape Communicator? 142 A estrutura visual do Composer 143 Os ecrãs de apoio 144 Configurando o Composer 146 A edição de Páginas 148 Publicando a sua

Leia mais

A PÁGINA DISCIPLINAR DE MATEMÁTICA DO PORTAL DIA A DIA EDUCAÇÃO

A PÁGINA DISCIPLINAR DE MATEMÁTICA DO PORTAL DIA A DIA EDUCAÇÃO A PÁGINA DISCIPLINAR DE MATEMÁTICA DO PORTAL DIA A DIA EDUCAÇÃO Resumo: Dolores Follador Secretaria de Estado da Educação do Paraná e Faculdades Integradas do Brasil - Unibrasil doloresfollador@gmail.com

Leia mais

ued - unidade de ensino a distância instituto politécnico de leiria BlackBoard - Moodle Guia rápido

ued - unidade de ensino a distância instituto politécnico de leiria BlackBoard - Moodle Guia rápido ued - unidade de ensino a distância instituto politécnico de leiria BlackBoard - Guia rápido ued - unidade de ensino a distância instituto politécnico de leiria Unidade de Ensino a Distância Equipa Guia

Leia mais

Introdução NSZ-GS7. Reprodutor de Mídia de Rede. Imagens de tela, operações e especificações estão sujeitas a modificações sem aviso prévio.

Introdução NSZ-GS7. Reprodutor de Mídia de Rede. Imagens de tela, operações e especificações estão sujeitas a modificações sem aviso prévio. Introdução Reprodutor de Mídia de Rede NSZ-GS7 Imagens de tela, operações e especificações estão sujeitas a modificações sem aviso prévio. Introdução: LIGADO/EM ESPERA Liga e desliga o aparelho reprodutor.

Leia mais

GeoMafra SIG Municipal

GeoMafra SIG Municipal GeoMafra SIG Municipal Nova versão do site GeoMafra Toda a informação municipal... à distância de um clique! O projecto GeoMafra constitui uma ferramenta de trabalho que visa melhorar e homogeneizar a

Leia mais

Google Apps para o Office 365 para empresas

Google Apps para o Office 365 para empresas Google Apps para o Office 365 para empresas Mude O Office 365 para empresas tem um aspeto diferente do Google Apps, por isso, ao iniciar sessão, obterá esta vista para começar. Após as primeiras semanas,

Leia mais

REBELDES Com Causa Direitos reservados Brivo Comunicação 2014

REBELDES Com Causa Direitos reservados Brivo Comunicação 2014 REBELDES Com Causa Direitos reservados Brivo Comunicação 204 O Conceito Com Causa O reposicionamento da Reserva se baseia na identificação que a marca já possui com o tema Causas Sociais, enfatizando projetos

Leia mais

Microsoft Windows. Aspectos gerais

Microsoft Windows. Aspectos gerais Aspectos gerais É um sistema operativo desenvolvido pela Microsoft Foi desenhado de modo a ser fundamentalmente utilizado em computadores pessoais Veio substituir o sistema operativo MS-DOS e as anteriores

Leia mais

MANUAL ARTSOFT Mobile Pre Sales

MANUAL ARTSOFT Mobile Pre Sales MANUAL ARTSOFT Mobile Pre Sales INDÍCE O que é?... 3 Como se configura?... 3 ARTSOFT... 3 ANDROID... 3 Login... 4 Home... 5 Funcionalidades... 6 Sincronização... 6 Contas... 7 Consultas... 7 Resumos...

Leia mais

Tutorial Baú de Ideias

Tutorial Baú de Ideias BAÚ DE IDEIAS O Baú de Ideias é uma ferramenta on-line (ativa apenas quando existe conexão com a Internet), na qual professores e alunos podem criar, divulgar e consultar atividades e projetos. No Baú

Leia mais

ÁudioTeste Software para Auxílio de deficiente visuais a realizar avaliações

ÁudioTeste Software para Auxílio de deficiente visuais a realizar avaliações ÁudioTeste Software para Auxílio de deficiente visuais a realizar avaliações Manoel P. A. Junior, Marden E. Santos, Marcelo H. S. da Silva, Jhozefem S. Pontes Nokia de Ensino (FNE) Av. Ministro Mário Andreazza,

Leia mais

Manual do Usuário - Portal Intranet

Manual do Usuário - Portal Intranet Manual do Usuário - [usado em conjunto com as recomendações do processo. Os textos em itálico-azul representam informações para auxiliar o preenchimento do template e devem ser removidos quando da sua

Leia mais

ÍNDICE... 2 POWER POINT... 4. Abas... 7 Salvando Arquivos... 8 Abrindo um arquivo... 11 LAYOUT E DESIGN... 13

ÍNDICE... 2 POWER POINT... 4. Abas... 7 Salvando Arquivos... 8 Abrindo um arquivo... 11 LAYOUT E DESIGN... 13 Power Point ÍNDICE ÍNDICE... 2 POWER POINT... 4 Abas... 7 Salvando Arquivos... 8 Abrindo um arquivo... 11 LAYOUT E DESIGN... 13 Guia Design... 14 Cores... 15 Fonte... 16 Efeitos... 17 Estilos de Planos

Leia mais

Microsoft Powerpoint - Apresentações acessíveis

Microsoft Powerpoint - Apresentações acessíveis Microsoft Powerpoint - Apresentações acessíveis O Microsoft PowerPoint é uma ferramenta muito utilizada na Universidade por docentes, funcionários e estudantes para fazerem apresentações. Este documento

Leia mais

ez Flow Guia do Usuário versão 1.0 experts em Gestão de Conteúdo

ez Flow Guia do Usuário versão 1.0 experts em Gestão de Conteúdo ez Flow Guia do Usuário versão 1.0 Conteúdo 1. Introdução... 3 2 1.1 Público alvo... 3 1.2 Convenções... 3 1.3 Mais recursos... 3 1.4. Entrando em contato com a ez... 4 1.5. Direitos autorais e marcas

Leia mais

Microsoft Power Point - Manual de Apoio

Microsoft Power Point - Manual de Apoio Microsoft Power Point - Manual de Apoio Pág. 1 de 26 Apresentação e introdução O ambiente de trabalho do Power Point. Abrir, guardar e iniciar apresentações. Obter ajuda enquanto trabalha. Principais barras

Leia mais

Construtor de sites SoftPixel GUIA RÁPIDO - 1 -

Construtor de sites SoftPixel GUIA RÁPIDO - 1 - GUIA RÁPIDO - 1 - Sumário Introdução...3 Por que utilizar o Construtor de Sites?...3 Vantagens do Construtor de Sites...3 Conceitos básicos...3 Configuração básica do site...5 Definindo o layout/template

Leia mais

Grupo de Aplicações para a Web Pet Ciência da Computação

Grupo de Aplicações para a Web Pet Ciência da Computação Universidade Federal de Santa Maria UFSM Departamento de Eletrônica e Computação Alunos: Cássio Forgiarini Martins Leandro Ramos de Oliveira Marília Guterres Ferreira Patrick Pivotto Viera Disciplina:

Leia mais

Barra de Títulos. Barra de Menu. Barra de Ferramentas. Barra de Formatação. Painel de Tarefas. Seleção de Modo. Área de Trabalho.

Barra de Títulos. Barra de Menu. Barra de Ferramentas. Barra de Formatação. Painel de Tarefas. Seleção de Modo. Área de Trabalho. Conceitos básicos e modos de utilização das ferramentas, aplicativos e procedimentos do Sistema Operacional Windows XP; Classificação de softwares; Principais operações no Windows Explorer: criação e organização

Leia mais

20 Escola Digital Manual do Utilizador Professor

20 Escola Digital Manual do Utilizador Professor 20 Escola Digital Manual do Utilizador Professor Manual do Utilizador Professor... 1 1. Conhecer o 20 Escola Digital... 4 2. Autenticação... 6 2.1. Criar um registo na LeYa Educação... 6 2.2. Aceder ao

Leia mais

Manual PowerPoint 2000

Manual PowerPoint 2000 Manual PowerPoint 2000 Índice 1. INTRODUÇÃO 1 2. DIRECTRIZES PARA APRESENTAÇÕES DE DIAPOSITIVOS 1 3. ECRÃ INICIAL 2 4. TIPOS DE ESQUEMA 2 5. ÁREA DE TRABALHO 3 5.1. ALTERAR O ESQUEMA AUTOMÁTICO 4 6. MODOS

Leia mais

Introdução. João Sá Marta 1 1/28/10

Introdução. João Sá Marta 1 1/28/10 Introdução CMS (Sistema de gestão de conteúdos) para WEB Possui um sistema de gestão de utilizadores e de permissões avançado Editor de páginas de fácil utilização Permite a adição de módulos de modo a

Leia mais

Escola Secundária de Amora Seixal

Escola Secundária de Amora Seixal Escola Secundária de Amora Seixal DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS (GRUPO INFORMÁTICA) TIC TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO 7º ANO TURMAS: 7A E 7B ANO LETIVO 2014-2015 P R O P

Leia mais

Introdução ao MS PowerPoint

Introdução ao MS PowerPoint Introdução ao MS PowerPoint Pré-requisitos: Windows e Word Software utilizado: Windows xp, PowerPoint 2003 O PowerPoint é um software utilizado para criar apresentações multimédia sobre vários temas ou

Leia mais

UFCD 0152 Estrutura de um sítio para Internet

UFCD 0152 Estrutura de um sítio para Internet INSTITUTO DO EMPREGO E FORMAÇÃO PROFISSIONAL, IP DELEGAÇÃO REGIONAL DO NORTE CENTRO DE EMPREGO E FORMAÇÃO PROFISSIONAL DE VIANA DO CASTELO-SERVIÇO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL UFCD 0152 Estrutura de um sítio

Leia mais

Proposta para remodelação do site da radio Antena 3

Proposta para remodelação do site da radio Antena 3 Proposta para remodelação do site da radio Antena 3 Nuno Jacinto Lains Neves 1151069 Proposta de remodelação do site da Antena 3 A antena 3 serviço público de radio ao serviço da cultura pop, tem como

Leia mais

, Todos os programas, Microsoft Office PowerPoint. Através de um atalho que poderá estar no Ambiente de Trabalho

, Todos os programas, Microsoft Office PowerPoint. Através de um atalho que poderá estar no Ambiente de Trabalho SESSÃO DE TRABALHO Objectivos: Cuidados a ter na criação de Apresentações Formatar texto Inserir imagens Inserir sons Aplicar Movimentos: Transição entre diapositivos Animação personalizada Alterar o modelo

Leia mais

MICROSOFT WORD 2007. George Gomes Cabral

MICROSOFT WORD 2007. George Gomes Cabral MICROSOFT WORD 2007 George Gomes Cabral AMBIENTE DE TRABALHO 1. Barra de título 2. Aba (agrupa as antigas barras de menus e barra de ferramentas) 3. Botão do Office 4. Botão salvar 5. Botão de acesso à

Leia mais

TIPOGRAFIA. Seguem-se alguns exemplos de tipografia forte, fraca, de oportunidade e e ameaçadoras para as respectivas empresas.

TIPOGRAFIA. Seguem-se alguns exemplos de tipografia forte, fraca, de oportunidade e e ameaçadoras para as respectivas empresas. TIPOGRAFIA As letras, tal como as árvores aparecem por elas próprias e quando as letras se juntam, lutam por espaço, pelo direito de serem reconhecidas, de serem lidas - Erik Spiekermann A tipografia é

Leia mais

Como funciona a MEO Cloud?

Como funciona a MEO Cloud? Boas-vindas O que é a MEO Cloud? A MEO Cloud é um serviço da Portugal Telecom, lançado a 10 de Dezembro de 2012, de alojamento e sincronização de ficheiros. Ao criar uma conta na MEO Cloud fica com 16

Leia mais

edirectory ios / Android Plataforma

edirectory ios / Android Plataforma edirectory ios / Android Plataforma Criando lindos aplicativos com edirectory Uma revolução no espaço de diretórios mobile, bem vindo ao novo aplicativo do edirectory. Mobile Completamente reestruturado

Leia mais

Tópicos de Ambiente Web Web Design III

Tópicos de Ambiente Web Web Design III Tópicos de Ambiente Web Web Design III Professora: Sheila Cáceres Conteúdo para Web Educacional Entretenimento Comercial Industrial Cientifico Entre outros Tópicos de Ambiente Web - Prof. Sheila Cáceres

Leia mais

Migrar para o Access 2010

Migrar para o Access 2010 Neste Guia Microsoft O aspecto do Microsoft Access 2010 é muito diferente do Access 2003, pelo que este guia foi criado para ajudar a minimizar a curva de aprendizagem. Continue a ler para conhecer as

Leia mais

Manual de Uso Wordpress

Manual de Uso Wordpress Manual de Uso Wordpress Olá! Seja bem vindo ao igual. Agora você pode transmitir todas as notícias importantes da sua comunidade de forma mais simples e eficiente. Mas para que isso aconteça, primeiro

Leia mais

Aula 04 Word. Prof. Bruno Gomes bruno.gomes@ifrn.edu.br http://www.profbrunogomes.com.br/

Aula 04 Word. Prof. Bruno Gomes bruno.gomes@ifrn.edu.br http://www.profbrunogomes.com.br/ Aula 04 Word Prof. Bruno Gomes bruno.gomes@ifrn.edu.br http://www.profbrunogomes.com.br/ Agenda da Aula Editor de Texto - Word Microsoft Office Conjunto de aplicativos para escritório que contém programas

Leia mais

Agenda. A Empresa História Visão Conceito dos produtos

Agenda. A Empresa História Visão Conceito dos produtos Agenda A Empresa História Visão Conceito dos produtos Produto Conceito Benefícios Vantagens: Criação Utilização Gestão Segurança Integração Mobilidade Clientes A empresa WF História Em 1998, uma ideia

Leia mais

com seu consumidores e seu fornecedores. Trazemos para aqui 40 dicas que vão ajudar no amadurecimento, crescimento e no sucesso da sua loja.

com seu consumidores e seu fornecedores. Trazemos para aqui 40 dicas que vão ajudar no amadurecimento, crescimento e no sucesso da sua loja. Com a consolidação do comércio eletrônico no Brasil e mundo, fica cada vez mais claro e a necessidade de estar participando, e mais a oportunidade de poder aumentar suas vendas. Mas é claro que para entrar

Leia mais

TÉCNICAS DE ESTRUTURAÇÃO PARA DESIGN RESPONSIVO: AMPLIANDO A USABILIDADE NO AMBIENTE WEB

TÉCNICAS DE ESTRUTURAÇÃO PARA DESIGN RESPONSIVO: AMPLIANDO A USABILIDADE NO AMBIENTE WEB TÉCNICAS DE ESTRUTURAÇÃO PARA DESIGN RESPONSIVO: AMPLIANDO A USABILIDADE NO AMBIENTE WEB Tiago Volpato 1, Claudete Werner 1 1 Universidade Paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil tiagovolpatobr@gmail.com,

Leia mais

o Aceder a aplicações através do menu Iniciar e de um atalho no ambiente de trabalho

o Aceder a aplicações através do menu Iniciar e de um atalho no ambiente de trabalho PLLAANNOO ANNUUAALL ACCTTI IIVVI IIDD AADDEE SS DDEE E NNRRI IIQQ UUEE CCI IIM EE NNTT OO CUURRRRI IICCUULLAARR TIC ((TEE CCNNOOLL OOGGI IIAASS DDEE INNFFOORRMAA I ÇÇÃÃ OO EE COOMUU NNI IICCAAÇÇÃÃOO))

Leia mais

Manual de instalação e configuração

Manual de instalação e configuração SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL FARROUPILHA CAMPUS SÃO BORJA Manual de instalação e configuração Autores Claiton Marques

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO

MANUAL DE UTILIZAÇÃO MANUAL DE UTILIZAÇÃO Termos Básicos Pesquisa Registo Fazendo Propostas A Minha Conta Pedindo Cotações Ajuda: Geral Bem-vindo! No texto que se segue iremos transmitir noções básicas sobre os termos e modos

Leia mais

Rastreamento Mobile. Manual de uso

Rastreamento Mobile. Manual de uso atualizado em 10/06/2014 Rastreamento Mobile Manual de uso Agora você pode utilizar seu aparelho móvel para acessar o seu sistema de rastreamento! O rastreamento Mobile é um website preparado para apresentar

Leia mais

Avaliação Do Site EducaRede. Introdução

Avaliação Do Site EducaRede. Introdução 1 Ivan Ferrer Maia Pós-Graduação em Multimeios / Unicamp Disciplina Multimeios e Educação Prof. Dr. José Armando Valente Avaliação Do Site EducaRede Introdução A quantidade de Websites encontrada no universo

Leia mais

Sistema GPB Gestão de Pombais

Sistema GPB Gestão de Pombais Sistema GPB Gestão de Pombais Manual Rápido (Versão 07.01) Janeiro de 2007 SITE : WWW.SISTEMAGP.COM EMAIL: GERAL@SISTEMAGP.COM Um produto POMOR Software de Gestão, Lda. Objectivo deste Manual Rápido Com

Leia mais

Construir uma apresentação electrónica

Construir uma apresentação electrónica Construir uma apresentação electrónica Regras gráficas elementares ESCOLA SECUNDÁRIA LEAL DA CÃMARA Sumário Comunicação Constituição da apresentação Elementos da composição Organização formal Conceção

Leia mais

GUÍA PARA UTILIZAR A WEBNODE EDU

GUÍA PARA UTILIZAR A WEBNODE EDU GUÍA PARA UTILIZAR A WEBNODE EDU Imagina que queres criar o teu próprio site. Normalmente, terías que descarregar e instalar software para começar a programar. Com a Webnode não é preciso instalar nada.

Leia mais

Roteiro 7: Ferramentas de trabalho Editores de texto

Roteiro 7: Ferramentas de trabalho Editores de texto Roteiro 7: Ferramentas de trabalho Editores de texto Objetivos Detalhar conceitos sobre ferramentas de edição de texto; Explorar recursos do libreoffice writer; Explorar recursos do Microsoft Word; Explorar

Leia mais

PROJETO DE INTERFACE COM USUÁRIO

PROJETO DE INTERFACE COM USUÁRIO PROJETO DE INTERFACE COM USUÁRIO Prof. Emilio Cesar Parmegiani UNIP AULA 1 1 Você gosta de uma boa experiência ou você prefere sofrer? O primeiro contato com uma pessoa normalmente é feito através da aparência

Leia mais

MICROSOFT POWERPOINT

MICROSOFT POWERPOINT MICROSOFT POWERPOINT CRIAÇÃO DE APRESENTAÇÕES. O QUE É O POWERPOINT? O Microsoft PowerPoint é uma aplicação que permite a criação de slides de ecrã, com cores, imagens, e objectos de outras aplicações,

Leia mais

WEB DESIGN LAYOUT DE PÁGINA

WEB DESIGN LAYOUT DE PÁGINA LAYOUT DE PÁGINA Parte 1 José Manuel Russo 2005 2 Introdução Quando se projecta um Web Site é fundamental definir com o máximo rigor possível os Objectivos a atingir no projecto, para que a sua concepção

Leia mais