Colégio Pedro II Departamento de Desenho e Artes Visuais

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Colégio Pedro II Departamento de Desenho e Artes Visuais"

Transcrição

1 Colégio Pedro II Departamento de Desenho e Campus São Cristóvão II Coordenador pedagógico de Disciplina: Shannon Botelho 7º ano. TURMA: NOME: nº ARTE PÁLEO-CRISTÃ OU DAS CATACUMBAS Surgiu com os primeiros cristãos durante o Império Romano. ARTE DA IDADE MÉDIA Catacumbas: túneis subterrâneos abaixo dos cemitérios, labirintos onde os cristãos se refugiaram, se escondiam e praticavam seu culto religioso. Arte: popular e pobre (pela própria situação dos cristãos) Pintura (mural ornamental, figurativa e em afrescos) Esculturas (aparecem em túmulos e sarcófagos) Poesia e Música Temas episódios bíblicos, figuras isoladas, motivos alegóricos pomba (representando o Espírito Santo) fênix ressureição peixe Cristo e muitos outros como a cruz, etc... Decoração: baixo-relevo com motivos bíblicos e relatos da vida do morto. ARTE BIZANTINA Uma arte que expressa riqueza e poder O período histórico da Idade Média começa com a queda do Império Romano, quando os povos bárbaros provenientes do norte da Europa destruíram a civilização romana. A Idade Média decorre entre o tempo antigo e o moderno, ou seja, do século IV ao XV, na Europa. No século IV, o cristianismo estabeleceu-se como religião oficial do Império Romano. Desde então, a religião cristã passou a exercer uma forte influencia em todas as formas de arte. No século V, o Império Romano do Ocidente foi invadido por tribos bárbaras e, durante algum tempo, somente os mosteiros continuaram os trabalhos de arte e aprendizagem. A parte oriental (Bizantina) do Império Romano sobreviveu e aí a pintura não sofreu alterações. A arte Bizantina tinha um objetivo que era expressar a autoridade absoluta e sagrada do imperador, considerado o representante de Deus, com poderes temporais e espirituais.

2 Colégio Pedro II Departamento de Desenho e Os monges copiavam à mão a Bíblia e outros livros religiosos para um tipo de pergaminho fino (pele de animal) chamado Velino. A grande maioria dos textos era escrita em latim. No entanto, ao copiar, o monge aprendia a geometria que precisava para orientar as construções e o traçado de projetos, passava, a saber cortar uma pedra, ficava conhecendo um pouco da física necessária ao equilíbrio de colunas e abobadas.

3 Colégio Pedro II Departamento de Desenho e Iluminuras: Eram também os monges que iluminavam as letras iniciais e, por vezes, páginas inteiras, com gravuras e decorações. Um monge podia levar uma vida inteira a iluminar um livro. Pintura: Ícones Os artistas do Império Bizantino pintavam quadros de santos e figuras sagradas. Estes têm o nome de ícones (imagens) e representam figuras irreais sobre um fundo dourado. Virgem Hodegetria Nossa Senhora da Ternura Mosaico Foi também, na Arte Bizantina que foi criado o mosaico. O mosaico consiste na colocação, lado a lado, de pequenos pedaços de pedras de cores diferentes sobre uma superfície de gesso ou argamassa.

4 Colégio Pedro II Departamento de Desenho e Nesses mosaicos eram representados personagens sagrados, como por exemplo, o Imperador Justiniano e a Rainha Teodora, Cristo, Santos e Apóstolos. Esses personagens sagrados eram, por sua vez, reproduzidos com as características das personalidades do Império. Imperador Justiniano Rainha Teodora Retábulos: peças em madeira articulada pintadas com cores vivas e/ou ouro.

5 Colégio Pedro II Departamento de Desenho e Esculturas: Eram feitas principalmente em marfim. Todos se extasiavam diante de tanta riqueza e de tanto esplendor. Essa arte era empolada, esplendorosa, chamativa. Basílica de Santa Sophia Um dos maiores monumentos desse período, o mais rico e o mais belo templo da cristandade é a catedral de Santa Sofia, construído por Constantino. Ela era de ouro, o altar era todo adornado com placas de puro ouro maciço e pedras preciosas trituradas. O piso era também de ouro com colunas de mármore medindo 11 metros de altura. Os móveis eram lavrados em ouro e marfim, os mosaicos, os capitéis rendilhados em ouro e pedrarias. Mil candelabros de ouro maciço e 40 mil bandejas de prata adornavam os altares. Jamais se fez coisa igual no mundo. Uma coisa terrível aconteceu, marcando o fim desse esplendor. Com a invasão dos mulçumanos sob as ordens de Maomé II, a igreja foi invadida e saqueada. Os mulçumanos mataram mais de dez mil pessoas que havia se refugiado ali. Isso aconteceu em 1453 marcando a queda de Constantinopla e a transformação da igreja de Santa Sofia em Mesquita.

6 Colégio Pedro II Departamento de Desenho e ARTE TRIUNFAL: MANUSCRITOS ILUMINADOS Esses manuscritos eram considerados objetos sagrados que continham as palavras divinas (feito por monges e freiras) ARTE BIZANTINA (Oriente) CARACTERÍSTICAS: Frontalidade: a postura rígida da personagem representada leva o observador a uma atitude de respeito e veneração. Figuras colocadas de frente também significavam respeito ao observador, que via nos soberanos e nas figuras sagradas seus senhores e protetores. Determinação do lugar de cada personagem sagrada na composição e a indicação de como deveria ser os gestos, as mãos, os pés, as dobras das roupas e os símbolos. Retratava-se as personalidades oficiais e as personagens sagradas como se compartilhassem as mesmas características, ou seja, personalidades oficiais sugeria tratar-se de personagens sagradas e as personagens sagradas, por sua vez, eram representadas com características das personalidades do império. Arquitetura igrejas com cúpulas de diferentes tamanhos e uma parte central. Interior grandioso. Decoração mármore, tapeçarias, ourivesaria, esculturas. Ícones símbolos e figuras idealizadas com fundo em ouro. Retábulos peças em madeira articulada pintadas com cores vivas e/ou ouro. Mosaicos grandes painéis feitos com pedacinhos (cacos) de pedra, azulejo, vidro colorido formando uma figura. Pintura figuras fixas sem movimento. Com ar solene. Estilizadas e alongadas. Pintura chapada e rígida. Simetria. Dimensão da forma bidimensional 2 dimensões Temática: Religiosa.

Antiguidade século IV. Arte Bizantina

Antiguidade século IV. Arte Bizantina Antiguidade século IV Arte Bizantina Na Antiguidade, além da arte Egípcia e Grega, também encontram-se a Romana, Paleocristã e Bizantina... Enquanto os romanos desenvolviam uma arte colossal e espalhavam

Leia mais

ARTE PALEOCRISTÃ PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS. Arte Paleocristã Arte Bizantina Arte Islâmica - ESPIRITUALIDADE

ARTE PALEOCRISTÃ PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS. Arte Paleocristã Arte Bizantina Arte Islâmica - ESPIRITUALIDADE Arte Paleocristã Arte Bizantina Arte Islâmica ARTE PALEOCRISTÃ ARTE PALEOCRISTÃ Também chamada de Arte das Catacumbas, desenvolveu-se dentro do Império Romano, quando surgiram os primeiros núcleos cristãos.

Leia mais

DAS ARTES. 1º semestre / 2012 Aula 5 26/03/2012. Prof. a M. a Marcela Provinciatto Siscão. masiscao@hotmail.com

DAS ARTES. 1º semestre / 2012 Aula 5 26/03/2012. Prof. a M. a Marcela Provinciatto Siscão. masiscao@hotmail.com ESTÉTICA TICA E HISTÓRIA DAS S 1º semestre / 2012 Aula 5 26/03/2012 Prof. a M. a Marcela Provinciatto Siscão masiscao@hotmail.com IDADE MÉDIA Idade Antiga (Antiguidade) Idade Média (Era Medieval) c ESCRITA

Leia mais

1 substituição do teto de madeira por abóbadas. 2 grande espessura das paredes,

1 substituição do teto de madeira por abóbadas. 2 grande espessura das paredes, Arte românica é o nome dado ao estilo artístico vigente na Europa entre os séculos XI e XIII. O estilo é visto principalmente nas igrejas católicas construídas após a expansão do cristianismo pela Europa

Leia mais

Características Econômicas e Políticas :

Características Econômicas e Políticas : ARTE BIZANTINA Características Econômicas e Políticas : Imperador Constantino: foi o responsável pela transferência da capital do Império Romano para Constantinopla, após a invasão dos povos bárbaros

Leia mais

Crise no Império Romano. Capítulo 6

Crise no Império Romano. Capítulo 6 Crise no Império Romano Capítulo 6 A falta de escravos leva ao aparecimento do sistema do colonato. Corte nas verbas do exército, gera revolta e briga entre os generais. Os generais passam a não obedecer

Leia mais

Arte Bizantina Morte e vida de um novo império

Arte Bizantina Morte e vida de um novo império Arte Bizantina Morte e vida de um novo império Quando o imperador Diocleciano dividiu o império em dois, separando o Oriente do Ocidente, teve início o colapso final da parte oeste. No século V, o império

Leia mais

DAS ARTES. 1º semestre / 2012 Aula 5 26/03/2012. Prof. a M. a Marcela Provinciatto Siscão. masiscao@hotmail.com

DAS ARTES. 1º semestre / 2012 Aula 5 26/03/2012. Prof. a M. a Marcela Provinciatto Siscão. masiscao@hotmail.com ESTÉTICA TICA E HISTÓRIA DAS S 1º semestre / 2012 Aula 5 26/03/2012 Prof. a M. a Marcela Provinciatto Siscão masiscao@hotmail.com IDADE MÉDIA Idade Antiga (Antiguidade) Idade Média (Era Medieval) c ESCRITA

Leia mais

Arte cristã primitiva (paleocristã)

Arte cristã primitiva (paleocristã) Arte cristã primitiva (paleocristã) -Abrange os primeiros cinco séculos do surgimento do cristianismo. - Duras e cruéis perseguições aos cristãos (aqueles que seguiam os ensinamentos de Jesus Cristo) empreendidas

Leia mais

Arte Cristã Primitiva

Arte Cristã Primitiva Arte Cristã Primitiva 1º Ano 1º Bimestre 2015 A clandestinidade Dois Momentos 1º - Clandestino e perseguidos pelos romanos 2 - Aceitação da religião cristã Os primeiros cristãos de origem humilde, reuniam-se

Leia mais

Arte na antiguidade: Roma. Prof. Arlindo F. Gonçalves Jr. http://www.mural-2.com

Arte na antiguidade: Roma. Prof. Arlindo F. Gonçalves Jr. http://www.mural-2.com Arte na antiguidade: Roma Prof. Arlindo F. Gonçalves Jr. http://www.mural-2.com INFLUÊNCIAS: arte etrusca - voltada para a expressão da arte vivida (destaque para o uso de arcos e abóbadas nas construções)

Leia mais

A arte da Europa Ocidental no início da Idade Média

A arte da Europa Ocidental no início da Idade Média Natal, RN / /2014 ALUNO: Nº SÉRIE/ANO: TURMA: TURNO: 7º D V DISCIPLINA: TIPO DE ATIVIDADE: PROFESSOR (A): HISTÓRIA DA ARTE TEXTO COMPLEMENTAR - III 1º trimestre TATIANE A arte da Europa Ocidental no início

Leia mais

IDADE MÉDIA ARTE GÓTICA

IDADE MÉDIA ARTE GÓTICA IDADE MÉDIA ARTE GÓTICA A partir do século XII, após as cruzadas, tem início na Europa uma economia fundamentada no comércio. Isso faz com que o centro da vida social se desloque do campo para a cidade

Leia mais

Aulas 15 Império Bizantino

Aulas 15 Império Bizantino Aulas 15 Império Bizantino DeOlhoNoEnem H5 - Identificar as manifestações ou representações da diversidade do patrimônio cultural e artístico em diferentes sociedades.(catedral de Santa Sofia) H12 - Analisar

Leia mais

A IMAGEM COMO TRANSMISSORA DE CONHECIMENTO. Korina Costa

A IMAGEM COMO TRANSMISSORA DE CONHECIMENTO. Korina Costa Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão, Presidente Prudente, 22 a 25 de outubro, 2012 155 A IMAGEM COMO TRANSMISSORA DE CONHECIMENTO Korina Costa Arquiteta e Urbanista, Especialista em Docência do Ensino

Leia mais

Antropocentrismo (do grego anthropos, "humano"; e kentron, "centro") é uma concepção que considera que a humanidade deve permanecer no centro do

Antropocentrismo (do grego anthropos, humano; e kentron, centro) é uma concepção que considera que a humanidade deve permanecer no centro do ARTE GÓTICA A Arte Gótica se desenvolveu na Europa entre os séculos XII e XV e foi uma das mais importantes da Idade Média, junto com a Arte Românica. Ela teve grande influencia do forte Teocentrismo (O

Leia mais

ARTE CRISTÂ PRIMITIVA ARTE BIZANTINA

ARTE CRISTÂ PRIMITIVA ARTE BIZANTINA 3º ano - ENSINO MÉDIO Aula dia 13/03/15 ARTE CRISTÂ PRIMITIVA ARTE BIZANTINA Professora Alba ARTE CRISTÂ PRIMITIVA Após a morte de Jesus Cristo, seus discípulos divulgaram seus ensinamentos, e a comunidade

Leia mais

Easinfluências do Oriente.

Easinfluências do Oriente. IMPÉRIO BIZANTINO (séc IV a XV) Easinfluências do Oriente. PROFESSOR NICHOLAS GABRIEL MINOTTI LOPES FERREIRA INTRODUÇÃO O império romano caiu, dividiu-se em dois: Ocidental e Oriental. Oi Sua sede Bizâncio

Leia mais

XII Encontro Gaúcho de Educação Matemática Inovar a prática valorizando o Professor

XII Encontro Gaúcho de Educação Matemática Inovar a prática valorizando o Professor Inovar a prática valorizando o Professor MOSAICOS GEOMÉTRICOS: DE ESCHER A UMA ATIVIDADE CRIATIVA Nívea Maria Barreto Nunes Oleques Universidade Federal do Pampa - Unipampa oleques@gmail.com Sersana Sabedra

Leia mais

ARTE GÓTICA. História da Arte Profª Denise Dalle Vedove

ARTE GÓTICA. História da Arte Profª Denise Dalle Vedove ARTE GÓTICA História da Arte Profª Denise Dalle Vedove Introdução A Idade Média foi um dos períodos mais longos da história : durou cerca de dez séculos.iniciouse no ano 476, com a ocupação de Roma pelos

Leia mais

ARTE BIZANTINA PROFª MARIANA KAADI

ARTE BIZANTINA PROFª MARIANA KAADI ARTE BIZANTINA PROFª MARIANA KAADI História Em 395 o Imperador Teodósio divide o Império Romano em duas partes: Império Romano do Ocidente com capital em Roma Império Romano do Oriente com capital em Constantinopla

Leia mais

Coleguium -3ºEM 1ª etapa

Coleguium -3ºEM 1ª etapa Coleguium -3ºEM 1ª etapa CIVILIZAÇÃO EGÍPCIA: - Desenvolvida às margens do Nilo, na África; - Organização social complexa e rica em realizações culturais; - Escrita bem estruturada; Hieróglifos na parede

Leia mais

ARTE MEDIEVAL. Estilo Bizantino

ARTE MEDIEVAL. Estilo Bizantino ARTE MEDIEVAL Durante a Idade Média (século V ao XV), a arte europeia foi marcada por uma forte influência da Igreja Católica. Esta atuava nos aspectos sociais, econômicos, políticos, religiosos e culturais

Leia mais

EXERCÍCIOS SOBRE RENASCIMENTO

EXERCÍCIOS SOBRE RENASCIMENTO EXERCÍCIOS SOBRE RENASCIMENTO TEXTO O termo Renascimento é comumente aplicado à civilização européia que se desenvolveu entre 1300 e 1650. Além de reviver a antiga cultura greco-romana, ocorreram nesse

Leia mais

IDADE MÉDIA ORIENTAL BIZANTINOS E ÁRABES

IDADE MÉDIA ORIENTAL BIZANTINOS E ÁRABES IDADE MÉDIA ORIENTAL BIZANTINOS E ÁRABES 1 O IMPÉRIO BIZANTINO: Império Romano do Oriente ou Império Grego. Constantinopla capital. Antiga Bizâncio, hoje Istambul (TUR). Local privilegiado estrategicamente

Leia mais

neoclassicismo Arquitetura Pintura Escultura

neoclassicismo Arquitetura Pintura Escultura neoclassicismo Arquitetura Pintura Escultura A arquitectura neoclássica De acordo com os ideais iluministas, os arquitectos neoclássicos responderam às necessidades do seu tempo com originalidade e engenho,

Leia mais

Arte Românica e Gótica. 6º Ano 2015 Artes Professor Juventino

Arte Românica e Gótica. 6º Ano 2015 Artes Professor Juventino Arte Românica e Gótica 6º Ano 2015 Artes Professor Juventino Arte Românica O estilo românico germinou, desde o final do século X até XIII. Sua denominação foi dada por arqueólogos do século XIX, quando

Leia mais

A imponente Catedral gótica - Duomo de Verona. Catedral gótica de Milão. Catedral de Beauvais, França

A imponente Catedral gótica - Duomo de Verona. Catedral gótica de Milão. Catedral de Beauvais, França IDADE MÉDIA A imponente Catedral gótica - Duomo Catedral Gótica de Verona Catedral gótica de Milão Catedral de Beauvais, França Abóbada Teto Pináculo Torre Gárgula Parte externa da calha para escoar água.

Leia mais

ARTE PRÉ-HISTÓRICA. IDADE DOS METAISaproximadamente 5.000 a 3.500 a.c. aparecimento de metalurgia; invenção da roda;

ARTE PRÉ-HISTÓRICA. IDADE DOS METAISaproximadamente 5.000 a 3.500 a.c. aparecimento de metalurgia; invenção da roda; ARTE PRÉ-HISTÓRICA PALEOLÍTICO INFERIOR aproximadamente 5.000.000 a 25.000 a.c.; controle do fogo; e instrumentos de pedra e pedra lascada, madeira e ossos: facas, machados. PALEOLÍTICO SUPERIOR instrumentos

Leia mais

PSVS/UFES 2013 HISTÓRIA DA ARTE. Observe a imagem 1 para responder à questão de nº 1. 1ª QUESTÃO

PSVS/UFES 2013 HISTÓRIA DA ARTE. Observe a imagem 1 para responder à questão de nº 1. 1ª QUESTÃO HISTÓRIA DA ARTE Observe a imagem 1 para responder à questão de nº 1. Imagem 1 - Desenho, segundo Badawy. (Fonte: JANSON, H.W. História da Arte. 4. ed. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian, 1989, p. 59).

Leia mais

Arte Medieval. Arte Bizantina. História da Arte. Com prof. Alexandre Fernandes

Arte Medieval. Arte Bizantina. História da Arte. Com prof. Alexandre Fernandes Arte Medieval Arte Bizantina Características da Arte Bizantina Arte Sacra O Milagre dos Pães e dos Peixes, 520 d. C. Basílica de Santo Apolinário. Características da Arte Bizantina Arte Canônica Cristo

Leia mais

Datada do séc. II ao final do séc. V d.c.

Datada do séc. II ao final do séc. V d.c. ARTE PALEOCRISTÃ ARTE PALEOCRISTÃ ANTIGUIDADE Datada do séc. II ao final do séc. V d.c. ARTE PRIMITIVA CRISTÃ arte dos cinco primeiros séculos do aparecimento do cristianismo. Divide-se em dois períodos:

Leia mais

Pré-História Período Paleolítico ou Idade da Pedra Lascada Período Neolítico ou Idade da Pedra Polida Período da Idade dos Metais Egito

Pré-História Período Paleolítico ou Idade da Pedra Lascada Período Neolítico ou Idade da Pedra Polida Período da Idade dos Metais Egito Pré-História Podemos definir o período da Pré-História como uns períodos mais longos da história do homem em relação às artes. Para ajudar-nos no entendimento deste período da humanidade, vamos dividi-los

Leia mais

Arte Cristã Primitiva. Mosaico Bizantino da Basílica de Santa Sofia em Constantinopla século XII. 1

Arte Cristã Primitiva. Mosaico Bizantino da Basílica de Santa Sofia em Constantinopla século XII. 1 Arte Cristã Primitiva Mosaico Bizantino da Basílica de Santa Sofia em Constantinopla século XII. 1 2 Arte Paleocristã (séc. II séc V) Desenvolveu-se dentro do Império Romano; Perseguidos pelos imperadores;

Leia mais

IDEA : A EVOLUÇÃO DO CONCEITO DE BELO

IDEA : A EVOLUÇÃO DO CONCEITO DE BELO IDÉIA MÉTODO E LINGUAGEM IDEA : A EVOLUÇÃO DO CONCEITO DE BELO Erwin Panofsky UFSC/Pós-Arq/1º tr 2004 Profª Drª SONIA AFONSO Mestranda MARIA ANILTA NUNES II Dissociar a linguagem da imagem representaria

Leia mais

BARROCO BRASILEIRO séc. XVIII - XIX

BARROCO BRASILEIRO séc. XVIII - XIX Campus São Cristóvão II Coordenador pedagógico de disciplina: Shannon Botelho 8º ano. TURMA: NOME: nº BARROCO BRASILEIRO séc. XVIII - XIX O barroco brasileiro desenvolve-se principalmente em Minas Gerais,

Leia mais

A Idade Média e O Renascimento

A Idade Média e O Renascimento Estes textos são produzidos sob patrocínio do Departamento Cultural da Clínica Naturale.Direitos são reservados. A publicação e redistribuição de qualquer conteúdo é proibida sem prévio consentimento.

Leia mais

HISTÓRIA DA ARTE Da Pré-história ao Barroco. Professora: Vanessa Oliveira Arte 1ª série Ensino Médio

HISTÓRIA DA ARTE Da Pré-história ao Barroco. Professora: Vanessa Oliveira Arte 1ª série Ensino Médio HISTÓRIA DA ARTE Da Pré-história ao Barroco Professora: Vanessa Oliveira Arte 1ª série Ensino Médio O contexto de uma imagem nos apresenta o cenário geral em que ela foi produzida, sua função e o impacto

Leia mais

A designação "Românico" é uma convenção do século XIX e significa "semelhante ao Romano. Termo usado originalmente para a arquitetura se referia à

A designação Românico é uma convenção do século XIX e significa semelhante ao Romano. Termo usado originalmente para a arquitetura se referia à ARTE NA IDADE MÉDIA ARTE ROMÂNICA A designação "Românico" é uma convenção do século XIX e significa "semelhante ao Romano. Termo usado originalmente para a arquitetura se referia à semelhança entre as

Leia mais

O RENASCIMENTO FOI UM MOVIMENTO CULTURAL, OCORRIDO NO INÍCIO DA IDADE MODERNA E QUE FEZ RENASCER A CULTURA GRECO-ROMANA

O RENASCIMENTO FOI UM MOVIMENTO CULTURAL, OCORRIDO NO INÍCIO DA IDADE MODERNA E QUE FEZ RENASCER A CULTURA GRECO-ROMANA O RENASCIMENTO FOI UM MOVIMENTO CULTURAL, OCORRIDO NO INÍCIO DA IDADE MODERNA E QUE FEZ RENASCER A CULTURA GRECO-ROMANA IDADE ANTIGA CULTURA GRECO-ROMANA ANTROPOCÊNTRICA ANTROPO = Homem CÊNTRICA = centro

Leia mais

- Transição da Idade Média para Idade Moderna

- Transição da Idade Média para Idade Moderna Renascimento - Transição da Idade Média para Idade Moderna - Movimento que começou na Itália por volta do século XV devido ao grande desenvolvimento econômico das cidades italianas (Genova, Veneza, Milão,

Leia mais

A ARTE NA GRÉCIA. Não devia ser somente parecida com o modelo, mas devia ser um objeto belo em si mesmo. EVOLUÇÃO DA ESCULTURA:

A ARTE NA GRÉCIA. Não devia ser somente parecida com o modelo, mas devia ser um objeto belo em si mesmo. EVOLUÇÃO DA ESCULTURA: ARTES / 3º ANO Professor: MÍLTON COELHO Características gerais: Sofreram influência dos Egípcios e do Oriente Próximo, copiando o ato de pintar e esculpir, que mais tarde iriam superar. Convicção de que

Leia mais

DAS ARTES. 1º semestre / 2012. Aula 4. Prof. a M. a Marcela Provinciatto Siscão. masiscao@hotmail.com

DAS ARTES. 1º semestre / 2012. Aula 4. Prof. a M. a Marcela Provinciatto Siscão. masiscao@hotmail.com ESTÉTICA TICA E HISTÓRIA DAS ARTES 1º semestre / 2012 Aula 4 Prof. a M. a Marcela Provinciatto Siscão masiscao@hotmail.com 1 ANTIGUIDADE OCIDENTAL ARTE ANTIGA: ROMANA 2 Roma Antiga Extensão máxima território

Leia mais

Entre o século XI e o início do século XIV houve a retomada do crescimento demográfico na Europa Ocidental. Os dados permitem uma visão mais clara

Entre o século XI e o início do século XIV houve a retomada do crescimento demográfico na Europa Ocidental. Os dados permitem uma visão mais clara ARQUITETURA GÓTICA O período conhecido por Baixa Idade Média, que se estendeu dos séculos X ao XV, foi marcado por profundas transformações na sociedade, as quais conduziram à superação das estruturas

Leia mais

COLÉGIO CEC CENTRO EDUCACIONAL CIANORTE ED. INFANTIL, ENS. FUNDAMENTAL E MÉDIO - SISTEMA ANGLO DE ENSINO. Aluno (a): Série:

COLÉGIO CEC CENTRO EDUCACIONAL CIANORTE ED. INFANTIL, ENS. FUNDAMENTAL E MÉDIO - SISTEMA ANGLO DE ENSINO. Aluno (a): Série: COLÉGIO CEC CENTRO EDUCACIONAL CIANORTE ED. INFANTIL, ENS. FUNDAMENTAL E MÉDIO - SISTEMA ANGLO DE ENSINO Aluno (a): Série: Nº. Data: / /2012 Professor(a): Rosilene Ardengui 7º Ano CALIGRAFIA TÉCNICA OU

Leia mais

1º Ano Artes 4ª Aula 2015 Prof. Juventino

1º Ano Artes 4ª Aula 2015 Prof. Juventino 1º Ano Artes 4ª Aula 2015 Prof. Juventino Contrapondo-se a Egípcia vida pósmortem. Arte grega fundamenta-se na inteligência Os governantes não eram deuses, mas seres mortais Usavam a razão e o senso de

Leia mais

ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DR. VIEIRA DE CARVALHO Planificação Educação Moral e Religiosa Católica. Ano Letivo 2015/2016 Secundário 10ºAno

ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DR. VIEIRA DE CARVALHO Planificação Educação Moral e Religiosa Católica. Ano Letivo 2015/2016 Secundário 10ºAno Unidade Letiva: 1 Política, Ética e Religião Período: 1º Metas Objetivos Conteúdos Avaliação O. Amadurecer a sua responsabilidade perante a pessoa, a comunidade e o mundo. I. Conhecer o percurso da Igreja

Leia mais

Arte medieval. A Igreja Militante ESTILO ROMÂNICO. Características gerais

Arte medieval. A Igreja Militante ESTILO ROMÂNICO. Características gerais ESTILO ROMÂNICO Arte medieval ESTILO ROMÂNICO ESTILO GÓTICO - Baixa Idade Média (séculos XI e XII); - Estilo pouco homogêneo, que varia de região para região, no entanto, esse estilo apresenta uma unidade

Leia mais

DATA: 18/12/2015 VALOR: 20,0 Pontos NOTA: RELAÇÃO DOCONTEÚDO PARA A RECUPERAÇÃO FINAL

DATA: 18/12/2015 VALOR: 20,0 Pontos NOTA: RELAÇÃO DOCONTEÚDO PARA A RECUPERAÇÃO FINAL DISCIPLINA: ARTE PROFESSORA: Cristiana de Souza DATA: 18/12/2015 VALOR: 20,0 Pontos NOTA: TRABALHO DE RECUPERAÇÃO FINAL SÉRIE: 6º ANO TURMA: ALUNO (A): RELAÇÃO DOCONTEÚDO PARA A RECUPERAÇÃO FINAL Nº: 01.

Leia mais

Aula 5.1 Conteúdo: As grandes Religiões de matriz ocidental Judaísmo Cristianismo Islamismo ENSINO RELIGIOSO CONTEÚDO E HABILIDADES

Aula 5.1 Conteúdo: As grandes Religiões de matriz ocidental Judaísmo Cristianismo Islamismo ENSINO RELIGIOSO CONTEÚDO E HABILIDADES CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA Aula 5.1 Conteúdo: As grandes Religiões de matriz ocidental Judaísmo Cristianismo Islamismo 2 CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO

Leia mais

ARTE MEDIEVAL. Estilo Bizantino

ARTE MEDIEVAL. Estilo Bizantino ARTE MEDIEVAL Disciplina de ARTES Durante a Idade Média (século V ao XV), a arte europeia foi marcada por uma forte influência da Igreja Católica. Esta atuava nos aspectos sociais, econômicos, políticos,

Leia mais

Igreja de Hagia Sophia

Igreja de Hagia Sophia Igreja de Hagia Sophia Constantino (em 312) teve uma revelação através de um sonho onde durante uma batalha teria visto uma cruz luminosa no céu. Depois disto, a batalha teria sido vencida. Assim, adotou

Leia mais

Nome: nº. Data: / / Trabalho de recuperação 1º EM Arte Prof. Denise ARTE GREGA. QUESTÃO 01 Sobre a arte feita na Grécia antiga marque a alternativa

Nome: nº. Data: / / Trabalho de recuperação 1º EM Arte Prof. Denise ARTE GREGA. QUESTÃO 01 Sobre a arte feita na Grécia antiga marque a alternativa 1 Nome: nº Data: / / Trabalho de recuperação 1º EM Arte Prof. Denise ARTE GREGA QUESTÃO 01 Sobre a arte feita na Grécia antiga marque a alternativa correta: a- ( ) Os gregos não produziram pinturas. b-

Leia mais

A Tradição Islâmica I Século XVI

A Tradição Islâmica I Século XVI A Tradição Islâmica I Século XVI As primeiras utilizações conhecidas do azulejo em Portugal, como revestimento monumental das paredes, foram realizadas com azulejos hispanomouriscos, importados de Sevilha

Leia mais

JOGO DE PERCURSO: O FIM DO IMPÉRIO ROMANO AS MIGRAÇÕES BÁRBARAS E O CRISTIANISMO

JOGO DE PERCURSO: O FIM DO IMPÉRIO ROMANO AS MIGRAÇÕES BÁRBARAS E O CRISTIANISMO SITUAÇÃO DE APRENDIZAGEM 1 JOGO DE PERCURSO: O FIM DO IMPÉRIO ROMANO AS MIGRAÇÕES BÁRBARAS E O CRISTIANISMO Trabalhando o conceito Páginas 3-4 1. O termo bárbaro era utilizado para designar quem não falava

Leia mais

CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA INTERATIVIDADE FINAL AULA ARTES. Aula 2.1 Conteúdo: Roma Arte Primitiva Cristã

CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA INTERATIVIDADE FINAL AULA ARTES. Aula 2.1 Conteúdo: Roma Arte Primitiva Cristã Aula 2.1 Conteúdo: Roma Arte Primitiva Cristã 2 Habilidades: Reconhecer as manifestações artísticas relacionadas ao período da arte: Roma Antiga e primitiva Cristã. 3 4 5 Todos os caminhos levam à Roma:

Leia mais

ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DR. VIEIRA DE CARVALHO Planificação Educação Moral e Religiosa Católica. Ano Letivo 2015/2016 3º Ciclo 7º Ano

ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DR. VIEIRA DE CARVALHO Planificação Educação Moral e Religiosa Católica. Ano Letivo 2015/2016 3º Ciclo 7º Ano Unidade Letiva: 1 - As Origens Período: 1º 1. Questionar a origem, o destino e o sentido do universo e do ser humano. As origens na perspetiva científica L. Estabelecer um diálogo entre a cultura e a fé.

Leia mais

ANNA PAULA ALMEIDA. Rosa Melo MOSAICO NA EDUCAÇÃO INFANTIL

ANNA PAULA ALMEIDA. Rosa Melo MOSAICO NA EDUCAÇÃO INFANTIL ANNA PAULA ALMEIDA Rosa Melo SALVADOR, 2012.1 MOSAICO NA EDUCAÇÃO INFANTIL CONCEITO Mosaico ou arte musiva, é palavra de origem alemã, embora a técnica seja antiquíssima. É um embutido de pequenas peças

Leia mais

As Palavras Pintadas nos Livros dos Séculos XIV e XV 9 Os livros religiosos enquanto templo e espaço para a reflexão.

As Palavras Pintadas nos Livros dos Séculos XIV e XV 9 Os livros religiosos enquanto templo e espaço para a reflexão. As Palavras Pintadas nos Livros dos Séculos XIV e XV 9 Os livros religiosos enquanto templo e espaço para a reflexão. Relevo em marmore com grupo de estudantes de Bolonha Artistas: Jacobello Masegne &

Leia mais

DAS ARTES. 1º semestre / 2012. Prof. a M. a Marcela Provinciatto Siscão. masiscao@hotmail.com

DAS ARTES. 1º semestre / 2012. Prof. a M. a Marcela Provinciatto Siscão. masiscao@hotmail.com ESTÉTICA TICA E HISTÓRIA DAS ARTES 1º semestre / 2012 Prof. a M. a Marcela Provinciatto Siscão masiscao@hotmail.com 1 Pré História PRÉ-HIST HISTÓRIA 2 Pré História PALEOLÍTICO (35mil anos atrás) Datam

Leia mais

DISCIPLINA SÉRIE BIMESTRE PROVA MODELO 6ª 3 P2 REVISÃO

DISCIPLINA SÉRIE BIMESTRE PROVA MODELO 6ª 3 P2 REVISÃO DISCIPLINA SÉRIE BIMESTRE PROVA MODELO História CONTEÚDO: CAP 3 - Islã CAP 4 Francos e Carolíngios 6ª 3 P2 REVISÃO 1. Na Arábia pré-islâmica, uma cidade em especial se transformou num ponto de encontro,

Leia mais

História da Arte - Linha do Tempo

História da Arte - Linha do Tempo História da Arte - Linha do Tempo PRÉ- HISTÓRIA (1000000 A 3600 a.c.) Primeiras manifestações artísticas. Pinturas e gravuras encontradas nas paredes das cavernas. Sangue de animais, saliva, fragmentos

Leia mais

LISTA DE EXERCÍCIOS - ÁRABES E BIZANTINOS

LISTA DE EXERCÍCIOS - ÁRABES E BIZANTINOS 1. (Uftm 2012) Observe a fotografia de 31 de outubro de 2010 que registrou peregrinos no círculo da Caaba na Grande Mesquita, em Meca, Arábia Saudita. 3. (Espm 2012) Observe a imagem, leia o texto e responda:

Leia mais

Roma Antiga. O mais vasto império da antiguidade; Lendária fundação pelos gêmeos Rômulo e Remo, em 753 a.c.; Roma - centro político do Império;

Roma Antiga. O mais vasto império da antiguidade; Lendária fundação pelos gêmeos Rômulo e Remo, em 753 a.c.; Roma - centro político do Império; ROMA Roma Antiga O mais vasto império da antiguidade; Lendária fundação pelos gêmeos Rômulo e Remo, em 753 a.c.; Roma - centro político do Império; Sua queda, em 476, marca o início da Idade Média. O mito

Leia mais

O Império Bizantino e o Islã Rupturas e transformações na Europa feudal

O Império Bizantino e o Islã Rupturas e transformações na Europa feudal 1 Observe a imagem abaixo e responda: Obra do artista polonês Piotr Mlodozeniec, na exposição Coexistência, iniciada na cidade de Jerusalém em 2001. 2001-2004 Mayang Adnin and William Smith/Archivo SM/ID/ES

Leia mais

Arte Africana. 7º Ano 4º Bimestre Artes Professor Juventino

Arte Africana. 7º Ano 4º Bimestre Artes Professor Juventino Arte Africana 7º Ano 4º Bimestre Artes Professor Juventino África O Brasil é um país mestiço, nossa cultura é composta de uma mistura de etnias. Parte relevante de nossa raiz cultural é o povo africano,

Leia mais

PROVA BIMESTRAL História

PROVA BIMESTRAL História 6 o ano 4 o bimestre PROVA BIMESTRAL História Escola: Nome: Turma: n o : Observe a imagem e responda às questões 1 e 2. REPRODUÇÃO 1. Cite dois elementos presentes na imagem que representam a Igreja católica.

Leia mais

Disciplina: História das Artes Visuais 2º semestre 2015. Curso: Bacharelado em Expressão Gráfica. Professora: Vaz

Disciplina: História das Artes Visuais 2º semestre 2015. Curso: Bacharelado em Expressão Gráfica. Professora: Vaz Disciplina: História das Artes Visuais 2º semestre 2015 Curso: Bacharelado em Expressão Gráfica Professora: Vaz EVOLUÇÃO DAS TÉCNICAS DE REPRESENTAÇÃO Mundo Antigo ARTE PRÉ-HISTÓRIA Paleolítico Aspecto

Leia mais

Locais a Visitar na Vila de Almodôvar

Locais a Visitar na Vila de Almodôvar Locais a Visitar na Vila de Almodôvar Igreja Matriz de Almodôvar A matriz é o monumento mais visitado do Concelho de Almodôvar e é dedicada a Santo Ildefonso, sendo que D. Dinis doou-a à Ordem de Santiago,

Leia mais

História da Arte. Exercícios de Sala de Aula

História da Arte. Exercícios de Sala de Aula História da Arte Exercícios de Sala de Aula A arte é um conjunto de procedimentos que são utilizados para realizar obras, e no qual aplicamos nossos conhecimentos. Apresenta-se sob variadas formas como:

Leia mais

Computação. O que é ARTE? Linha do Tempo. ICEC Instituto Cuiabá de Ensino e Cultura Curso de Ciências da Computação 5º Semestre

Computação. O que é ARTE? Linha do Tempo. ICEC Instituto Cuiabá de Ensino e Cultura Curso de Ciências da Computação 5º Semestre ICEC Instituto Cuiabá de Ensino e Cultura Curso de Ciências da Computação 5º Semestre Computação Gráfica * geralmente é entendida como a atividade humana ligada a manifestações de ordem estética, tica,

Leia mais

Observe as imagens, que pertencem ao manuscrito de um cronista inca, "Guaman Poma de Ayala" (1526-1614). (1,5)

Observe as imagens, que pertencem ao manuscrito de um cronista inca, Guaman Poma de Ayala (1526-1614). (1,5) Observe as imagens, que pertencem ao manuscrito de um cronista inca, "Guaman Poma de Ayala" (1526-1614). (1,5) Leia as afirmações seguintes, a respeito dos incas e marque a afirmativa INCORRETA. a) Tinham

Leia mais

O Barroco no Brasil. Capitulo 11

O Barroco no Brasil. Capitulo 11 O Barroco no Brasil Capitulo 11 O Barroco no Brasil se desenvolveu do século XVIII ao início do século XIX, época em que na Europa esse estilo já havia sido abandonado. Um só Brasil, vários Barrocos O

Leia mais

ARTE PRÉ-HISTÓRICA. IDADE DOS METAISaproximadamente 5.000 a 3.500 a.c. aparecimento de metalurgia; invenção da roda;

ARTE PRÉ-HISTÓRICA. IDADE DOS METAISaproximadamente 5.000 a 3.500 a.c. aparecimento de metalurgia; invenção da roda; ARTE PRÉ-HISTÓRICA PALEOLÍTICO INFERIOR aproximadamente 5.000.000 a 25.000 a.c.; controle do fogo; e instrumentos de pedra e pedra lascada, madeira e ossos: facas, machados. PALEOLÍTICO SUPERIOR instrumentos

Leia mais

Arte Cristã Primitiva. 6º Ano 2015 Prof. Juventino Artes

Arte Cristã Primitiva. 6º Ano 2015 Prof. Juventino Artes Arte Cristã Primitiva 6º Ano 2015 Prof. Juventino Artes Dois Momentos 1º - Clandestino e perseguidos pelos romanos. 2 - Aceitação da religião cristã. Os primeiros cristãos de origem humilde, reuniam-se

Leia mais

APOSTILAS DO TERCEIRO BIMESTRE 7 ANO.

APOSTILAS DO TERCEIRO BIMESTRE 7 ANO. APOSTILAS DO TERCEIRO BIMESTRE 7 ANO. TURMA 701 3º Bimestre Aula 13 Frottage ou Frottagem. A palavra Frottage vem do francês frotter, que significa esfregar. A técnica é bem simples, consiste em colocar

Leia mais

Ficha de Arte I Trimestre

Ficha de Arte I Trimestre ALUNO: Nº - ANO - TURMA - DATA \ \ 201 Profª Ana Lúcia Leal Ficha de Arte I Trimestre Arte Gótica ou Medieval Estilo artístico desenvolvido na Europa Ocidental, a arte gótica está diretamente ligada ao

Leia mais

ARTE NO EGITO ANTIGO

ARTE NO EGITO ANTIGO ARTE NO EGITO ANTIGO Ao longo do rio Nilo e principalmente na região norte - o Delta - ; e na região sul dos rios Eufrates e Tigre, desenvolveram-se as primeiras civilizações. No Egito desenvolveu-se um

Leia mais

As famílias no Antigo Egipto; As famílias no Império romano.

As famílias no Antigo Egipto; As famílias no Império romano. Trabalho realizado por: Luís Bernardo nº 100 8ºC Gonçalo Baptista nº 275 8ºC Luís Guilherme nº 358 8ºC Miguel Joaquim nº 436 8ºC Índice; Introdução; As famílias no Antigo Egipto; As famílias no Império

Leia mais

ARTE PROTO-GREGA, GREGA E HELENÍSTICA

ARTE PROTO-GREGA, GREGA E HELENÍSTICA ARTE PROTO-GREGA, GREGA E HELENÍSTICA Arte Proto-Grega A arte Proto-Grega também é conhecida como Creto-Micênica. Na Ilha de Creta, no Mar Egeu, desenvolveu-se uma civilização que deixou como principal

Leia mais

Móveis Antigos. Baú de Madeira Restaurado. Maio 2011 pag 3

Móveis Antigos. Baú de Madeira Restaurado. Maio 2011 pag 3 Os preços e valores constantes deste catálogo substituem os apresentados nas versões anteriores. Visite o nosso site: http://coisasantigas.webnode.com.br/ Catálogo Maio/2.011 Móveis Antigos...3 Baú de

Leia mais

O SIMBOLISMO NA ARTE CRISTÃ DO PERÍODO BIZANTINO

O SIMBOLISMO NA ARTE CRISTÃ DO PERÍODO BIZANTINO UNIVERSIDADE DO EXTREMO SUL CATARINENSE - UNESC CURSO DE ARTES VISUAIS ALEXANDRE BARRETO O SIMBOLISMO NA ARTE CRISTÃ DO PERÍODO BIZANTINO CRICIÚMA, JUNHO DE 2009 ALEXANDRE BARRETO O SIMBOLISMO NA ARTE

Leia mais

Mosteiro dos Jerónimos

Mosteiro dos Jerónimos Mosteiro dos Jerónimos Guia de visita dos 6 aos 12 anos Serviço Educativo do Mosteiro dos Jerónimos/ Torre de Belém Bem-vindo ao Mosteiro dos Jerónimos A tua visita de estudo começa logo no Exterior do

Leia mais

ARTE EGÍPCIA. c) ( ) Ao observar uma obra já se define o autor, pois suas características estão expressas na obra.

ARTE EGÍPCIA. c) ( ) Ao observar uma obra já se define o autor, pois suas características estão expressas na obra. ARTE EGÍPCIA Questão 01 A Religião é fator predominante na cultura egípcia, o que é óbvio, reflete imediatamente na produção artística deste povo. Assinale a alternativa que indica uma característica dessa

Leia mais

Colégio Pedro II Departamento de Desenho e Artes Visuais

Colégio Pedro II Departamento de Desenho e Artes Visuais Colégio Pedro II Departamento de Desenho e Campus São Cristóvão II Coordenador Pedagógico de disciplina: Shannon Botelho 6º ano. TURMA 603 NOME: nº ARTE DA PRÉ-HISTÓRIA As primeiras manifestações artísticas

Leia mais

O Sr. ELIMAR MÁXIMO DAMASCENO (Prona- SP) pronuncia o seguinte discurso: Senhor Presidente, Senhoras e Senhores Deputados, manifestamos o especial

O Sr. ELIMAR MÁXIMO DAMASCENO (Prona- SP) pronuncia o seguinte discurso: Senhor Presidente, Senhoras e Senhores Deputados, manifestamos o especial O Sr. ELIMAR MÁXIMO DAMASCENO (Prona- SP) pronuncia o seguinte discurso: Senhor Presidente, Senhoras e Senhores Deputados, manifestamos o especial sentimento de ocupar a tribuna para tecermos comentários

Leia mais

Arte Egípicia ARQUITETURA

Arte Egípicia ARQUITETURA Arte Egípicia Uma das principais civilizações da Antigüidade foi a que se desenvolveu no Egito. Era uma civilização já bastante complexa em sua organização social e riquíssima em suas realizações culturais.

Leia mais

A descoberta de novos continentes, a visão antropocêntrica do mundo, a invenção da bússola e da imprensa, a afirmação dos estados nacionais; a

A descoberta de novos continentes, a visão antropocêntrica do mundo, a invenção da bússola e da imprensa, a afirmação dos estados nacionais; a A descoberta de novos continentes, a visão antropocêntrica do mundo, a invenção da bússola e da imprensa, a afirmação dos estados nacionais; a difusão de variadas formas artísticas inspiradas no mundo

Leia mais

ARTE PRÉ-COLOMBIANA: nas artes, a arquitetura e a escultura foram dominantes. A pintura e o desenho foram relativamente apagados.

ARTE PRÉ-COLOMBIANA: nas artes, a arquitetura e a escultura foram dominantes. A pintura e o desenho foram relativamente apagados. ARTE PRÉ-COLOMBIANA: nas artes, a arquitetura e a escultura foram dominantes. A pintura e o desenho foram relativamente apagados. Três principais civilizações: Maias; Astecas; Incas. Civilização Maia:

Leia mais

MONARQUIA REPÚBLICA IMPÉRIO Governo de reis Governo de senadores Governo de imperadores 753 a.c. 509 a.c. 27 a.c. 476 d.c.

MONARQUIA REPÚBLICA IMPÉRIO Governo de reis Governo de senadores Governo de imperadores 753 a.c. 509 a.c. 27 a.c. 476 d.c. GUIA DE ESTUDO IMPÉRIO ROMANO e.g. ROMA E O SEU IMPÉRIO NOS SÉCULOS I E II 1. Escreve no mapa: Roma, Atenas, Conímbriga, Cartago, HISPÂNIA, ITÁLIA, GÁLIA, EGITO, ÁFRICA, OCEANO ATLÂNTICO, Mar Mediterrâneo,

Leia mais

Estes capítulos introduzem a última série de visões de Ezequiel, nas quais ele vê

Estes capítulos introduzem a última série de visões de Ezequiel, nas quais ele vê Lição 14 Ezequiel Mede o Templo Restaurado (Ezequiel 40:1-42:20) Estes capítulos introduzem a última série de visões de Ezequiel, nas quais ele vê o templo restaurado. Nesta lição, vamos considerar alguns

Leia mais

O surgimento da escrita, a invenção e a evolução das artes gráficas

O surgimento da escrita, a invenção e a evolução das artes gráficas O surgimento da escrita, a invenção e a evolução das artes gráficas A humanidade sempre dependeu de se comunicar para poder sobreviver melhor, transmitir os conhecimentos acumulados sempre foi algo muito

Leia mais

ALUNO: - ANO - TURMA - DATA \ \ 201. Ficha de Aula de Arte I Trimestre

ALUNO: - ANO - TURMA - DATA \ \ 201. Ficha de Aula de Arte I Trimestre ALUNO: Nº - ANO - TURMA - DATA \ \ 201 Profª Ana Lúcia Leal Ficha de Aula de Arte I Trimestre Arte no Antigo Egito Uma das principais civilizações da Antiguidade foi a que se desenvolveu no Egito. Era

Leia mais

ALUNO: - ANO - TURMA - DATA \ \ 201. Ficha de Aula de Arte I Trimestre

ALUNO: - ANO - TURMA - DATA \ \ 201. Ficha de Aula de Arte I Trimestre ALUNO: Nº - ANO - TURMA - DATA \ \ 201 Profª Ana Lúcia Leal Ficha de Aula de Arte I Trimestre Arte no Antigo Egito Uma das principais civilizações da Antiguidade foi a que se desenvolveu no Egito. Era

Leia mais

Grupo I. 1. Observe a Figura 1. 1.1. Selecione a opção correta referente aos autores do projeto de arquitetura do Partenon.

Grupo I. 1. Observe a Figura 1. 1.1. Selecione a opção correta referente aos autores do projeto de arquitetura do Partenon. 824 HISTÓRIA DA CULTURA E DAS ARTES Prova escrita PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Ano: 2014 2ª fase - Junho 12º ano Duração: 120 min Grupo I 1. Observe a Figura 1. Figura 1 Partenon, Acrópole, Atenas,

Leia mais

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 1ª PROVA PARCIAL DE HISTÓRIA Aluno(a): Nº Ano: 1º Turma: Data: 26/03/2011 Nota: Professora: Élida Valor da Prova: 40 pontos Assinatura do responsável: Orientações

Leia mais

APOSTILAS DO QUARTO BIMESTRE 8 ANO. TURMA 801 4º Bimestre. Aula 13

APOSTILAS DO QUARTO BIMESTRE 8 ANO. TURMA 801 4º Bimestre. Aula 13 APOSTILAS DO QUARTO BIMESTRE 8 ANO. TURMA 801 4º Bimestre Aula 13 Identidade Visual Embora você possa nunca ter ouvido falar em identidade visual, todos nós estamos sempre sendo bombardeados pelas identidades

Leia mais

ÍNDICE DE TERMOS. Ação cultural e educativa Acervo Azulejo. Livro de Inventário (Registo)

ÍNDICE DE TERMOS. Ação cultural e educativa Acervo Azulejo. Livro de Inventário (Registo) ÍNDICE DE TERMOS Ação cultural e educativa Acervo Azulejo Bem cultural Bem material Bem imaterial Botânica Cartografia Cerâmica Classificação Conservação Desenho Equipamento ou utensílio Escultura Espólio

Leia mais

2014/2015. História da Cultura e das Artes ESCOLA SECUNDÁRIA DE AMORA. Curso Profissional de Técnico de Turismo 2º Ano

2014/2015. História da Cultura e das Artes ESCOLA SECUNDÁRIA DE AMORA. Curso Profissional de Técnico de Turismo 2º Ano . ESCOLA SECUNDÁRIA DE AMORA História da Cultura e das Artes Curso Profissional de Técnico de Turismo 2º Ano Planificação a Médio e Longo Prazo 2014/2015 1 -FINALIDADES DA DISCIPLINA: Preservar e cultural;

Leia mais

Colégio Ser! Sorocaba História 7ºs anos Profª Marilia Coltri. Adaptado de Alex Federle do Nascimento

Colégio Ser! Sorocaba História 7ºs anos Profª Marilia Coltri. Adaptado de Alex Federle do Nascimento Colégio Ser! Sorocaba História 7ºs anos Profª Marilia Coltri Adaptado de Alex Federle do Nascimento Império Bizantino O Império Bizantino foi o Império Romano do Oriente durante a Antiguidade Tardia e

Leia mais