STUR FOR WINDOWS - REFERÊNCIA RÁPIDA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "STUR FOR WINDOWS - REFERÊNCIA RÁPIDA"

Transcrição

1 STUR FOR WINDOWS - REFERÊNCIA RÁPIDA INFORMATIZANDO O TURISMO Contato: Rua Mesquita, 50 Cambuci São Paulo SP Cep Fone

2 INICIALIZAÇÃO DO STUR. Clique no Ícone do STUR no Desktop (área de trabalho), no menu Iniciar ou no C:\AGI\STURWIN\STUR.EXE > Digite seu usuário e senha e clique no botão Entrar. O Usuário e senha padrão do STUR após a instalação é: Usuário: LEADER Senha: LEADER. (conforme figura 1.2). COTAÇÕES. Cotações serão solicitadas diariamente ao primeiro usuário que se logar no Stur. O usuário poderá informar as cotações neste momento e gravar ou posteriormente em Cadastros > Parâmetros/Tabelas > Moedas e Cotações > Cotações. Inicialmente existem duas moedas internacionais no Stur, US$ Dólar (dólar terrestre) e US$I Dólar IATA (dólar aéreo). INICIANDO OS PARÂMETROS. Ao Iniciar o Stur pela primeira vez, o administrador do sistema deverá configurar os parâmetros, para liberar todas as funções do sistema. Clique em Cadastros > Parâmetros/Tabelas > Parâmetros. PARÂMETROS GERAIS 1. QUANTIDADES DE DIAS PARA GERENCIAMENTO DAS OPERAÇÕES. Esta função permite manter no STUR informações genéricas, sobre as operações realizadas no STUR, um histórico de operações que pode ser mantido no sistema pela quantidade de dias que o usuário achar necessário para gerenciamento. LIMPEZA MANUAL DO BANCO DE DADOS. Esta função armazena um período pré-definido que nunca será excluído do banco de dados pela Função de limpeza manual. MOEDAS. MOEDA OFICIAL: Colocar a moeda oficial correspondente ao País. MOEDA INTERNACIONAL ( VENDAS AÉREAS ): Informar o Dólar Iata para emissão aérea. MOEDA INTERNACIONAL ( VENDAS TERRESTRE ): Informar o Dólar para emissão terrestre. 2

3 PERÍODO DE EMISSÃO VÁLIDO. VENDAS. Esta função permite definir quantos dias o usuário poderá inserir uma venda com data retroativa/futura (Dias antes/dias depois), contando sempre a data corrente, (Data do dia). CHEQUES. Esta função permite definir quantos dias o usuário poderá inserir uma data de emissão retroativa/futura (Dias antes/dias depois) ao efetuar uma baixa no financeiro, contando sempre a data corrente (Data do dia). ANTECEDÊNCIA DO CHECK-IN (IMPRESSO NA CONTRA CAPA DE BILHETES). Nesta função informar a antecedência do check-in. Ex: 01:00hs para embarque Nacional e 03:00hs para embarque Internacional. FORMA DE ENVIO DE . ATRAVÉS DO STUR. Ao enviar um documento através do Stur, será necessário enviar um aplicativo instalqr.exe, onde o cliente tem que instalar na máquina dele, para poder visualizar o documento. APLICATIVO DE CORREIO PADRÃO. Opção mais usada e a mais indicada. Quando for enviar qualquer documento do STUR por , automaticamente abrirá o gerenciador padrão de (Outlook Express, Microsoft Outlook, Windows live mail, etc), com o documento em anexo no formato JPG, e com o do cliente, caso o mesmo já esteja cadastrado, senão, basta informar o endereço do destinatário. PERCENTUAL DE MARGEM DE LUCRO MÍNIMA. Esta função define uma margem de lucro mínima de vendas da agência, caso seja uma venda abaixo da margem de lucro, aparecera a seguinte mensagem (Margem de lucro abaixo da margem mínima definida (10,0000%). Deseja continuar?). Caso o usuário tenha permissão, ele poderá continuar o lançamento da venda, mesmo que o percentual de ganho esteja abaixo do que foi inserido nos parâmetros, ou pode retornar a venda e verificar/alterar os valores. LIMITA CRÉDITO AOS CLIENTES. Se houver necessidade de controlar o limite de crédito dos clientes, o STUR tem três opções: AVISA: Ao marcar esta opção, o STUR avisa na venda quando o limite de crédito do cliente está sendo ultrapassado. BLOQUEIA: Ao marcar esta opção, o STUR bloqueia a venda caso o cliente tenha excedido o seu limite de crédito, podendo ser liberado pelo usuário que tenha essa permissão. NÃO CHECA: Ao marcar esta opção, o STUR não irá verificar o limite de crédito dos clientes. Importante: Deve-se incluir o valor do limite de crédito no Cadastro do Cliente, para que a função Avisa ou Bloqueia fique ativada. O STUR só Avisa ou Bloqueia as vendas faturadas. LIMITE DE CRÉDITO PADRÃO. Este limite serve apenas para ser sugerido no cadastro de um novo cliente. (Não interfere na venda). Este campo, após preenchido com um determinado valor, irá sugerir automaticamente no cadastro de novos clientes, não alterando os clientes já cadastrados. CHECAGEM DE CLIENTES COM PENDÊNCIA (FATURA VENCIDA). Se houver necessidade de checar clientes com pendência financeira, o STUR tem três opções: AVISA: Ao marcar esta opção, o STUR avisa na venda, caso o cliente esteja com fatura vencida. BLOQUEIA: Ao marcar esta opção, o STUR bloqueia a venda caso o cliente esteja com fatura vencida. NÃO CHECA: Ao marcar esta opção, o STUR não checa as pendências financeiras. TOLERÂNCIA. Pode ser informado a partir de qual dia, o sistema vai considerar como pendência a Fatura em atraso. Exemplo: 01 dia após o vencimento, 02 dias após o vencimento, 3 dias após o vencimento. ESTOQUE OBRIGATÓRIO. Esta função é usada somente quando se tem bilhete físico em estoque. EXIGIR DIARIAMENTE CÓPIA DE SEGURANÇA (BACKUP). O sistema solicitará um backup diariamente ao último usuário que se desconectar do STUR, caso não tenha sido feito nenhum backup naquele dia. O usuário terá a opção de efetuar o backup naquele momento ou não. Caso o backup não tenha sido feito, no dia seguinte aparecerá uma mensagem em vermelho informando que o backup do dia anterior não foi realizado. O Sistema mostra o último usuário que fez o backup e a data da realização. 3

4 PARÂMETROS GERAIS 2. PARÂMETROS DO CADASTRO BLOQUEAR DUPLICIDADE DE CPF/CNPJ NOS CADASTROS DE CLIENTES /FORNECEDORES. Ao marcar essa opção, o sistema ira bloquear a duplicidade de CPF/CNPJ no cadastro de clientes e fornecedores. CNPJ/CPF OBRIGATÓRIO NO CADASTRO DE CLIENTES/FORNECEDORES. Ao marcar esta opção, o preenchimento do CNPJ/CPF será obrigatório ao cadastrar um novo cliente ou fornecedor. TIRAR MÁSCARA DE CEP NO CADASTRO DE CLIENTES E DE OUTROS (MALA DIRETA). Ao marcar esta opção, o campo CEP fica sem a máscara para preenchimento manual. PARÂMETROS DO OPERACIONAL/VENDAS ATIVAR A PESQUISA RÁPIDA DE CLIENTE/FORNECEDOR NA VENDA. Esta opção ativa a pesquisa rápida de clientes e fornecedores nas vendas. ATIVAR A FUNÇÃO DE TROCA DE FILIAL DA RESERVA. Esta opção é usada quando a agência trabalha com Matriz e Filial, podendo realizar a troca da empresa na venda caso esteja com a filial errada. ATIVAR A FUNÇÃO DE TROCA DE CENTRO DE CUSTO DA RESERVA. O centro de custo ao qual estamos nos referindo é o centro de custo da Agência, isso acontece quando a Agência segmenta suas vendas por centro de Custo. Importante: Se essa opção ficar desmarcada, o emissor não conseguirá editar o centro de custo na venda e aparecerá o que estiver no cadastro do emissor. 4

5 REGISTRAR TARIFA SUGERIDA, CIA/VÔO SUGERIDOS E MOTIVO NAS VENDAS AÉREAS. Marcando esta função, no lançamento das vendas aéreas será possível informar a tarifa sugerida e o motivo pelo qual o cliente não quis comprar a tarifa sugerida pela agência, podendo apresentar estas informações em relatório. PREENCHIMENTO OBRIGATÓRIO PARA CAMPOS SUGERIDOS. Marcando esta função, o preenchimento de campos sugeridos será obrigatório. HABILITAR CONTROLE DE TOUR CODE. Caso a agência receba da Cia Aérea além da sua comissão um tour code, este controle pode ser administrado no STUR marcando esta função. PERMITIR RECEBIMENTO PARCELADO DE PASSAGEIROS DIRETOS. Marcando esta função, será possível vender PARCELADO para passageiro direto. Passageiro Direto: Cliente usado nas vendas onde o cliente pagador não tem cadastro no sistema e a forma de recebimento é cash e cartão. HABILITAR CONTROLE DE CONTATOS AUTORIZADOS. Marcando esta opção, o sistema habilitará um controle de contatos autorizados para as vendas. PREENCHIMENTO OBRIGATÓRIO PARA CONTATO DA VENDA. Marcando esta opção, ao inserir qualquer venda no sistema o contato se torna obrigatório. PREENCHIMENTO OBRIGATÓRIO PARA O AUTORIZADOR DA VENDA. Marcando esta opção, o preenchimento do campo autorizador da venda será obrigatório. OCULTAR ALGUNS NÚMEROS E CÓDIGOS DE SEGURANÇA DOS CARTÕES DE CRÉDITO DE CLIENTES. Marcando esta opção, o sistema ocultará alguns números e códigos de segurança dos cartões de crédito. Item de segurança ORDENAÇÃO DOS PRODUTOS NA INCLUSÃO DE VENDA NOVA. CÓDIGO: Deixando esta opção marcada, ao inserir uma venda nova no STUR, a ordem dos produtos será pelo código do produto. DESCRIÇÃO: Deixando esta opção marcada, ao inserir uma venda nova no STUR, a ordem dos produtos será pela descrição ( nome do produto e ordenando por ordem alfabética ). PARÂMETROS DE INTEGRAÇÃO ENTRE SISTEMAS. IMPORTAR A OBSERVAÇÃO DAS RESERVAS AMADEUS. Esta opção só deve estar marcada se sua agência usa o sistema de Reserva Amadeus. A finalidade desta função é importar todas as observações inseridas no Amadeus para o STUR. INTEGRAR RESERVAS DO AMADEUS GERADAS POR BT: Esta opção só deve estar marcada se sua agência usa o sistema de Reserva Amadeus, são as reservas geradas sem valores, que poderão ser integradas para o STUR. INTEGRAÇÃO COM SISTEMA DE CARTÕES. CREDICARD - Marcando esta opção, o STUR está habilitado a gerar vendas com cartão virtual Credicard, basta configurar os dados do cartão no cadastro do cliente. MASTERCARD - Marcando esta opção, o STUR está habilitado a gerar vendas com cartão virtual Mastercard, basta configurar os dados do cartão no cadastro do cliente. CTAH - Marcando esta opção, o STUR está habilitado a gerar vendas com cartão virtual CTAH, basta configurar os dados do cartão no cadastro do cliente. VALIDATA - Marcando esta opção, o STUR está habilitado a gerar vendas com cartão virtual Validata, basta configurar os dados do cartão no cadastro do cliente. EBTA - Marcando esta opção, o STUR está habilitado a usar o cartão virtual EBTA, fornecido pelo AMEX, basta informar o código Agência fornecido pelo Amex: (XXXX), depois configurar outra identificação da Agência, dentro do item cadastros > Filias e C.Custo e por fim, informar os dados do cartão, dentro do cadastro do cliente. VISA - Marcando esta opção, o STUR está habilitado a gerar vendas com cartão virtual Visa, basta configurar os dados do cartão no cadastro do cliente. HABILITA LEITURA AUTOMÁTICA (VCORP) - Marcando esta opção, o stur está habilitando a leitura automática do arquivo de exportação do Vcorp. PARÂMETROS DO FATURAMENTO NO FATURAMENTO BATCH, VERIFICAR RESERVAS BILHETADAS / RESERVADAS. Esta opção é recomendada deixar marcado, para que o STUR possa verificar quais reservas ainda faltam bilhetar e confirmar, com isso o Faturamento em LOTE, será gerado com sucesso e sem deixar de faturar nenhuma reserva. 5

6 JUNTAR FATURAMENTO AÉREO, TERRESTRE E RODOVIÁRIO. Ao marcar esta opção, o sistema vai juntar as vendas do aéreo, terrestre e rodoviário, desde que o vencimento da venda seja igual para todos os produtos. ARREDONDAR CÁLCULO DA LEI 9430 ( KANDIR ). Esta função é usada quando a agência trabalha com clientes que são órgãos governamentais e usam a lei Kandir, se houver necessidade de arredondar o cálculo, marcar esta função. IMPRIMIR O VALOR DA TAXA DE BOLETO NA FATURA. Marcando esta opção, o valor da taxa de boleto vai ser visualizado na fatura. GERAR NOTA DE CRÉDITO DA DU (CARTÃO FAT.). Marcando essa opção, ao lançar uma venda com a forma de recebimento Cartão/Faturado e inserindo um repasse de comissão, o sistema irá gerar uma Nota de Crédito ao cliente com o valor do repasse. CNPJ INFRAERO LOCAL ( BENEFICIÁRIA DA RET. LEI 9430 ). Esta opção é apenas para informar o CNPJ da beneficiária referente a retenção da Lei Kandir. EMITIR BOLETO JUNTAMENTE COM A FATURA. Marcando esta opção, ao gerar as faturas no STUR, o Boleto será visualizado junto com a Fatura e com Código de Barras, mas para isso, o banco informado na geração tem que ter o layout confeccionado no STUR. No STUR existem duas opções de modelo: SOMENTE DUPLICATA: Mostrará a Fatura e Boleto, juntamente com a via dos produtos devidamente relacionados. REDUZIDO COM PROTOCOLO: Mostrará uma opção com protocolo, para assinatura do aceite e dados da Fatura e Boleto. PARÂMETROS DO FINANCEIRO. HABILITAR TELA DE SELEÇÃO INICIAL NA PESQUISA DE TÍTULOS DO FINANCEIRO. Marcando essa opção, o STUR habilitará uma tela para filtros na seleção inicial dos títulos no financeiro. CALCULAR AUTOMATICAMENTE OS JUROS DE TÍTULOS VENCIDOS NO CONTAS A RECEBER. Na baixa de um título vencido no contas a receber, o STUR irá calcular automaticamente os juros estipulado em Cadastro > Parâmetros/Tabelas > Parâmetros > Documentos (2) > Percentual de juros por dia de atraso da Fatura/Boleto. Isso só ocorre se essa opção estiver marcada, caso contrário, o STUR não irá calcular, mas permitirá que se inclua manualmente. HABILITAR FUNÇÃO DE CONFERÊNCIA DO FINANCEIRO. Ao marcar esta opção, é possível realizar a conferência/baixa dos documentos dentro do financeiro, podendo realizar ajustes de valores e marcar os títulos conferidos deixando pronto para baixa. ESTIPULAR LIMITE DE ALTERAÇÃO DO VALOR ORIGINAL NA EDIÇÃO OU CONFERÊNCIA DE TÍTULOS DO FINANCEIRO. Marcando esta função, será necessário estipular um valor limite que o usuário poderá alterar para maior ou menor na conferência/baixa de títulos no financeiro. Deixando a opção desmarcada o sistema não controlará valores, permitindo alterações de qualquer valor. PERCENTUAL DE CPMF O percentual de CPMF cadastrado nos parâmetros, serve para todos os fornecedores, mas pode ser alterado individualmente no cadastro de cada fornecedor. ORDENAÇÃO DOS TIPOS DE CONTA. CÓDIGO: Com esta opção, os tipos de contas ( pagar/receber ) aparecerão no financeiro por código da conta e em ordem crescente. DESCRIÇÃO: Com esta opção, os tipos de contas ( pagar/receber ) aparecerão no financeiro pelo nome da conta e em ordem alfabética. ORDENAÇÃO DOS CENTROS DE CUSTO. CÓDIGO: Com esta opção, os tipos de centro de custo aparecerão no financeiro por código e em ordem crescente. DESCRIÇÃO: Com esta opção, os tipos de centro de custo aparecerão no financeiro pelo nome e em ordem alfabética. 6

7 PRAZO MÁXIMO PARA BAIXA. DIAS ANTES: Esta função permite definir quantos dias o usuário poderá inserir uma data de baixa retroativa (Dias antes) ao efetuar uma baixa no financeiro, contando sempre a data corrente (Data do dia). DIAS APÓS: Esta função permite definir quantos dias o usuário poderá inserir uma data de baixa futura (Dias depois) ao efetuar uma baixa no financeiro, contando sempre a data corrente (Data do dia). DOCUMENTOS 1 RELAÇÃO DOS DOCUMENTOS QUE O SISTEMA GERA JUNTAMENTE COM SUA NOMENCLATURA: Nota de Débito (ND), Fatura/Duplicata (FT), Ordem de Passagem (OP), Voucher (VC), Ordem de Serviço (OS), Recibo (RC), Comprovante de Sinal (CR), Demonstrativo da Reserva (DR), Nota de Crédito (NC), Solicitação de Reembolso (SR), Carta p/cia Aérea (CB), Solicitação de serviço (SS), Carta de Cobrança de Comissão (CC), Recibo de Baixa (RB). ÚLTIMA NUMERAÇÃO. Esta opção mostra sempre a última numeração do documento gerado no STUR, e não tem como ficar alterando esta numeração. NUMERAÇÃO INICIAL. Ao parametrizar o STUR pela primeira vez, é possível mudar a numeração dos documentos, para iniciar com outra numeração ou colocar a numeração de documentos de outros sistemas, o mais indicado seria iniciar com a sequência 01 para todos os documentos. Todos os documentos serão identificados no STUR com a sua nomenclatura e numero sequencial. PRÉ-IMPRESSO. O usuário poderá escolher S ( Sim ) ou N ( Não ). S, significa que a agência dispõe de Formulário Contínuo da impressora Matricial. N, significa que não é Pré-impresso e que a geração e impressão dos documentos serão direto do STUR em papel A4. CABEÇALHO. Esta função dispõe de 04 opções Esquerda, Meio, Direita, Não, sendo assim o usuário pode escolher como ele deseja mostrar o cabeçalho nos documentos ou ocultá-lo. 7

8 LOGOTIPO. O usuário pode escolher S ( Sim ) ou N ( Não ). S, significa que o logotipo da Agência será visualizado nos documentos. N, o logotipo não vai ser visualizado nos documentos. MARGEM. O usuário pode escolher S ( Sim ) ou N ( Não ). S, significa que os documentos serão visualizados com margem. N, os documentos serão visualizados sem margem. DATA DE EMISSÃO. O usuário pode escolher S ( Sistema ) ou R ( Reserva ),a opção mais usada e indicada é a Letra S ( Sistema ) porque o STUR gera os lançamentos buscando a data do sistema operacional (Windows). Escolhendo a opção R ( Reserva ) o STUR realiza a inserção e confirmação com a data que foi inserida na Reserva, esta opção é muito usada para emissão de faturas com data retroativa, onde o fechamento da fatura terá que ser o mesmo da emissão da reserva. VIAS ( 1 A 9 ). Esta opção sugere apenas informar o número de vias para impressão de documentos que pode ser de 01 a 09. DOCUMENTOS 2 MOSTRAR OS DOCUMENTOS NA TELA ANTES DE IMPRIMIR. Ao marcar esta opção, será possível visualizar os documentos em tela antes de imprimir, salvar ou enviar por . IMPRIMIR OS VALORES SEM CASAS DECIMAIS NOS DOCUMENTOS. Ao marcar esta opção, não será possível visualizar nos documentos do STUR, as casas decimais. IMPRIMIR VALOR LÍQUIDO NA FATURA/DUPLICATA E NO RESPECTIVO BOLETO. Marcando esta função, será visualizado o valor líquido nas faturas e nos boletos. IMPRIMIR FOLHA DE ROSTO PARA FATURA. Documento exigido para clientes órgãos Governamental. IMPRIMIR NOME DO ESTADO POR EXTENSO NA NOTA DE DÉBITO/FATURA. Marcando esta função ao imprimir a nota de débito e fatura, o nome do estado será visualizado por extenso. 8

9 IMPRIMIR VALOR DA DIÁRIA NO VOUCHER. Marcando esta função será possível visualizar o valor da diária no voucher. IMPRIMIR VALORES DAS TARIFAS E COMISSÕES NA SOLICITAÇÃO DE SERVIÇO. Marcando esta função será possível visualizar o valor das tarifas e comissões na solicitação de serviço. IMPRIMIR LOGOTIPO NA CONTRA CAPA DE BILHETE. Marcando esta função, será possível visualizar o logotipo na contracapa. IMPRIMIR OBSERVAÇÃO DO PAX NA CONTRACAPA DE BILHETES. Marcando esta função, as observações informadas no campo destinado a contra capa de bilhetes nos parâmetros, será visualizado/impresso na contracapa de bilhetes. IMPRIMIR DEPARTAMENTO E CENTRO DE CUSTO DO CLIENTE NA NOTA DE DÉBITO/FATURA. Marcando essa função, o departamento e centro de custo do cliente serão impressos na nota de débito/fatura. IMPRIMIR TAXA DE SERVIÇO SOMADA NA TARIFA(FATURA, ND, RECIBO E DEMONSTRATIVO DA RESERVA). Marcando essa função, a taxa de serviço será somada com a tarifa e impressa em fatura, ND, recibo e demonstrativo da reserva. IMPRIMIR TAXA DU SEPARADA NA ND/FT/DEMONSTRATIVO DA RESERVA. Marcando essa função, a taxa DU será impressa separada na ND/FT/Demonstrativo da Reserva. IMPRIMIR NOME DO FORNECEDOR BSP/GSA (AÉREO). NOTA DE DÉBITO: O nome do fornecedor BSP/GSA será visualizado na Nota de Débito. DEMONSTRATIVO DA RESERVA: O nome do fornecedor BSP/GSA será visualizado no Demonstrativo da Reserva. PERCENTUAL DE JUROS POR DIA DE ATRASO DA FATURA/BOLETO. Neste campo informar o percentual de juros que será aplicado por dia de atraso nas faturas e boletos. NOME DA COLUNA DE DESCONTOS NOS DOCUMENTOS. A palavra desconto vem parametrizada no sistema, se houver necessidade de mudá-la, basta clicar no botão editar, deletar a palavra desconto e inserir a nova palavra. Lembrando que esta palavra será visualizada na coluna de descontos nos documentos. INFORME O TEXTO PARA CONTRACAPA DE BILHETES. Neste campo é possível informar o texto para ser visualizado na impressão da contra capa de bilhetes, um texto de orientação para o passageiro, por exemplo. MENSAGEM A SER IMPRESSA EM RECIBOS E COMPROVANTE DE ENTRADA. Neste campo é possível informar um texto para ser visualizado nos recibos e comprovantes de entrada. MENSAGEM A SER IMPRESSA EM FATURAS. Neste campo é possível informar um texto para ser visualizado nas Faturas. QUANTIDADES DE VOUCHERS POR PÁGINA. Neste item é possível definir a quantidade de Vouchers por página que pode ser de 1 a 3. LINHAS DE OBSERVAÇÃO NO VOUCHER. Neste item é possível definir a quantidade de linhas de observação na emissão do voucher, que pode ser 1(uma) ou 5(cinco) linhas. LINHAS DE OBSERVAÇÃO NO RC E ND. Neste item é possível definir a quantidade de linhas de observação para emissão de Recibo e Nota de Débito, que pode ser 1(uma) ou 5(cinco) linhas. ENDEREÇO (TODOS OS DOCUMENTOS). PRINCIPAL: Em todos os documentos gerados pelo STUR, será visualizado o endereço principal do cliente. COBRANÇA: Em todos os documentos gerados pelo STUR, será visualizado o endereço de cobrança do cliente, caso não seja informado o endereço de cobrança no cadastro do cliente, não será possível a visualização do mesmo nos documentos. NOME DO FORNECEDOR NA FT /ND /RC. RAZÃO SOCIAL: Será impressa a razão social do fornecedor nos documentos FT /ND /RC. NOME FANTASIA: Será impresso o nome fantasia do fornecedor nos documentos FT /ND /RC. 9

10 LINHAS DE OBSERVAÇÃO NA ND/FT. Neste item dos parâmetros é possível definir a quantidade de linhas de observação na emissão de ND/FT, que pode ser 1(uma) ou 5(cinco) linhas. SALTO DE PÁGINA NA CONTRACAPA DE TKT. Esta função é usada quando a agência usa a impressão da contracapa de bilhetes, podendo escolher quebra de página por PAX, por RESERVA ou NÃO (sem quebra por página). IMPRIMIR NOS DOCUMENTOS. STOCK CONTROL: Imprime nos documentos o número que foi inserido no estoque. SERIAL NUMBER: Imprime nos documentos o número Serial inserido na venda. PADRÃO DO LAYOUT DA NOTA FISCAL. DOS: Opção usada nas Agências que usavam o STUR-DOS. WINDOWS: Opção usada quando a Agência for emitir notas fiscais pelo STUR Windows. IMPRIMIR NAS NOTAS FISCAIS. Estas funções deverão ser marcadas quando a Agência for emitir as notas fiscais pelo STUR e deseja imprimir na nota o Número do Formulário, a Base, a Alíquota e o valor do ISS. OPTANTE PELO SIMPLES. Esta função é marcada quando se trata de micro e pequena empresa optante pelo simples. Clientes da agência que são governamentais, o STUR faz o cálculo da retenção da Lei Kandir na fatura deduzindo a comissão do valor base. ATIVAR NOTA FISCAL ELETRÔNICA (NF-E). Esta função ativa a opção de geração/controle das notas fiscais eletrônicas. SISTEMA PARA ENVIO DE RPS. Ativando a opção de Nota Fiscal eletrônica, deve-se selecionar o tipo de sistema para envio do arquivo RPS. GERAR NOTA FISCAL AUTOMÁTICA PARA COMISSÕES (HOTELARIA/LOCAÇÃO). Esta função irá gerar automaticamente notas fiscais de comissões a receber para os fornecedores de hotelaria e locação. GERAR A NOTA FISCAL PARA A FILIAL DA VENDA. Esta função gera a nota fiscal para a filial da venda. NUMERAÇÃO DE CCCF. Esta opção é usada somente quando a agência trabalha diretamente com o BSP e vai gerar e imprimir o CCCF diretamente do STUR, não esquecer de informar a numeração inicial e final. 10

11 TAXAS DE EMBARQUE. NACIONAL. Neste item pode ser informado as taxas de embarque dos trechos nacionais, que tem sua classificação por categoria, os principais aeroportos estão cadastrados no STUR. INTERNACIONAL. Neste item pode ser informado as taxas de embarque dos trechos internacionais, que tem sua classificação por categoria, os principais aeroportos estão cadastrados no STUR. RODOVIÁRIA. Neste item pode ser informado as taxas das passagens rodoviárias, onde os trechos são informados como terceira categoria nos trechos rodoviários. CÁLCULO DA TAXA DE EMBARQUE. Existem duas opções: Automático, Manual. A opção recomendada é manual, para que seja possível alterar a taxa de embarque na tela da venda, se escolher a opção automática, isso não será possível. PERCENTUAL DE COMISSÃO SOBRE TAXA DE EMBARQUE. Neste item, o sistema irá calcular comissão sobre o valor da taxa de embarque informada em cada venda. 11

12 LOGOTIPO INFORMAÇÕES SOBRE TAMANHO DA LOGOMARCA E EXTENSÃO. Para a imagem ficar como logomarca, dever ser criada na extensão ( BMP), Jpeg ( JPG ou JPEG ), ou Metafile, ( EMF ou WMF) no tamanho máximo de 176 x 138 pixels. PROCURAR FIGURA. No item procurar figura, após criar o logo com a extensão correta, basta clicar no botão procurar figura, localizar o arquivo no diretório onde foi salvo, marcar a figura e depois clicar no botão abrir. LIMPAR FIGURA. Neste item, o usuário pode limpar o logotipo e inserir outro se o que foi configurado a primeira vez não esteja com o tamanho correto, ou não queira mostrar a logomarca nos documentos. CADASTROS PARÂMETROS/TABELAS/TIPOS DE CLIENTES Criar códigos e vinculá-los no cadastro do cliente, para direcionar emissão de mala direta e relatórios. 12

13 TIPOS DE FORNECEDORES Siglas e Descrições pré-cadastradas para serem vinculadas a todos os fornecedores, possibilitando novas inclusões para fornecedores vinculados a produtos diversos. GRUPOS DE FORNECEDORES Criar códigos e vinculá-los no cadastro dos fornecedores, para emissão de mala direta e relatórios. Ex: Rede Accor. 13

14 TIPOS DE CONTA Classificação das receitas e despesas no financeiro. Determina a conta que você irá contabilizar. PORTADORES (BANCOS/CARTEIRAS) Cadastramento dos bancos que serão utilizados para emissão de boletos. CONDIÇÕES DE PAGAMENTO/RECEBIMENTO 14

15 Definição dos prazos para pagamento dos fornecedores e recebimentos dos clientes. TIPOS DE PAGAMENTOS Definição dos serviços prestados por fornecedores terrestres. Essas definições serão utilizadas em todos os serviços terrestres. 15

16 BASES TARIFÁRIAS Cadastramento das bases tarifárias das cias aéreas. CIDADES/ESTADO/PAÍSES/CONTINENTES Cadastro de Cidades/Estados/Países/Continentes de acordo com os códigos mundiais. 16

17 AEROPORTOS E RODOVIÁRIAS Cadastramento de acordo com as siglas (IATA) dos aeroportos. TIPOS DE MOEDAS Cadastrar as moedas que serão utilizadas nas vendas. COTAÇÃO DE MOEDAS Cadastrar ou alterar cotação diária das moedas internacionais. 17

18 FILIAIS E CENTRO DE CUSTOS. EMPRESA/FILIAIS Informar dados da matriz e cadastrar filiais. As informações inseridas aqui, serão visualizadas em todos os documentos gerados pelo sistema. CENTROS DE CUSTOS São os departamentos da agência. 18

19 PRODUTOS E SERVIÇOS. Codificação e padronização dos serviços prestados pela agência. Ex: Categoria, Classificação, prazos de pagamento, etc. CADASTRO DE PRODUTOS Inclusão de novos produtos. Atenção: Todos os produtos possuem um código, esse código é vinculado automaticamente ao respectivo grupo de fornecedores. Produtos do tipo Aéreo devem ser cadastrados no intervalo de códigos 100 a 199. Hotelaria deve ser cadastrado no intervalo de códigos 200 a 299. Locação deve ser cadastrado no intervalo de códigos 300 a 399. Pacote deve ser cadastrado no intervalo de códigos 400 a 499. Diversos deve ser cadastrado no intervalo de códigos 500 a 599 e Rodoviário no intervalo de códigos 600 a

20 EMISSORES E PROMOTORES EMISSORES Cadastro de emissores, relatórios, cadastro de comissões específicas dos emissores, definições de metas. PROMOTORES Cadastro de promotores, relatórios, cadastro de comissões específicas dos promotores, definições de metas e relatórios de visitas. 20

21 COMISSÕES ESPECIFICAS DOS EMISSORES/PROMOTORES Cadastro de Comissões Especificas, por Emissor ou Promotor, podendo selecionar: Produtos, Base de Cálculo e comissão. DEFINIR METAS Definir as metas e percentuais específicos para cada meta atingida, para cada emissor/promotor. 21

22 CLIENTES Cadastrar a carteira de clientes. Inicialmente, existem dois clientes cadastrados que são reservados para o sistema, o passageiro direto (Cód ), e a própria agência (Cod ). Estes clientes não podem ser excluídos. CADASTRO DE CLIENTES Para inserir um novo cliente, clique em INCLUIR. Para consultar saldos em aberto, cadastrar condições específicas, ( Retenção da Lei Kandir 9.430, condições de recebimento aéreo e terrestres, condições de comissionamento (comissão repassada, over repassado e desconto adicional), cobrança de taxa de serviço FEE, repasse da taxa DU), cadastros de departamentos e setores, centro de custo, contatos autorizados, consultar passageiros vinculados, cadastrar cartões de crédito do cliente, alterar o nome fantasia, cadastrar acordos comerciais, controle de empenho, visualizar histórico de alterações, referências para integrações, clique no botão Funções no cadastro do cliente. 22

23 FORNECEDORES Cadastrar as cias aéreas, hotéis, operadoras, locadoras, navios, GDS, GSA, fornecedores administrativos entre outros. Inicialmente, existe um fornecedor cadastrado que é reservado para o sistema, a própria agência (Cód ). Este fornecedor não pode ser excluído. CADASTRO DE FORNECEDORES Para inserir um novo fornecedor, clique em INCLUIR. Para consultar saldos em aberto, cadastrar condições de pagamento específicas (condições de pagamento, CPMF, cadastro de comissões, coeficientes para cálculos de comissões, over recebidos, percentuais da tarifa online para cálculo do over, cobrança da taxa de serviço DU ), alterar nome fantasia, consultar histórico de alterações, referências para integrações, clique no botão Funções no cadastro do fornecedor. 23

24 BILHETES/PTA S Cadastrar o estoque de bilhetes, cancelar, excluir ou consultar. Para cadastrar bilhetes clique em Funções Especiais > Incluir Bilhetes/PTAs. USUÁRIOS Inicialmente, existem dois usuários cadastrados no STUR (Usuário LEADER, Senha LEADER, esse usuário é o administrador do STUR na agência. Usuário MASTER, esse usuário é administrado pela AGI Sistemas.). Clique em Incluir para cadastramento de novos usuários. Dentro de usuários, temos mais duas opções, alterar senha do usuário e verificar o histórico de operações. 24

25 PERMISSÕES DE USUÁRIOS Cadastrar e definir o acesso a determinadas funções para os usuários. OPERACIONAL VENDAS Inserir todas as vendas de bilhetes, hotelaria, locação, pacotes, etc. Para Inserir uma venda clique em VENDA NOVA. FILE> Campo reservado para controle interno da agência (ficha:física). EMISSÃO> Data de emissão da reserva. CLIENTE> Digitar o nome do cliente ou procurar na barra de rolagem. SETOR> Informar, se houver, o departamento/setor do cliente. CENTRO DE CUSTO DO CLIENTE> Informar, se houver, o Centro de Custo do cliente. PRODUTO> Digitar o produto ou procurar na barra de rolagem. PROMOTOR> Digitar o nome do promotor. SOLICITANTE > Nome do contato do cliente ou solicitante. EMISSOR> Digitar o nome do vendedor. FILIAL> Informar o nome da sua empresa, matriz, filial, etc. CENTRO DE CUSTO DA FILIAL> Informar o Centro de custo da sua empresa, matriz, filial, etc. FORNECEDOR> Digitar o nome do fornecedor ou procurar na barra de rolagem. RECEBIMENTO DO CLIENTE> Forma de recebimento do cliente. (Procurar na barra de rolagem) CASH, FATURADO, CARTÃO, (Válida somente para vendas de bilhetes, nas vendas de produtos terrestres utilize a opção comissão a receber.), CREDIÁRIO, CREDIÁRIO FATURADO, CARTÃO FATURADO, PARCELADO (Cheques pré-datados, utilizar esta opção somente quando o financiamento for da própria agência. Em vendas de pacotes com cheques repassados à operadora, utilize a opção cash). COMISSÃO A RECEBER, (Comissão a receber, ou seja, venda com cartão nos produtos terrestres ou cliente pagando direto aos fornecedores). CONDIÇÃO> Será solicitado quando a venda for faturada, virá automaticamente à condição definida no cadastro do cliente, ou, no cadastro do produto, porém se quiser alterar, procure a condição na barra de rolagem. 25

O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo

O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo em sua oficina. O sistema foi desenvolvido para ser utilizado

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.07 Movimentações... 4 Movimentações de Caixa... 4 Entradas... 6 Recebimento em Dinheiro... 8 Recebimento em Cheque... 8 Troco... 15 Saídas... 17 Movimentações de Banco... 22

Leia mais

1-Possibilidade de bloquear o sistema para uso (função acionável apenas pelo usuário LEADER). Utilitários > Bloqueio do Sistema >

1-Possibilidade de bloquear o sistema para uso (função acionável apenas pelo usuário LEADER). Utilitários > Bloqueio do Sistema > Histórico das atualizações Versão Data Atualizações 5.53.00 Implantações/Modificações: 5.53.042 26/11/2012 1-Possibilidade de bloquear o sistema para uso (função acionável apenas pelo usuário LEADER).

Leia mais

Sumário INTRODUÇÃO... 3 O QUE É CNAB?... 3 QUAL O OBJETIVO DO CNAB?... 3 QUAIS BANCOS E CARTEIRAS O EMPRESÁRIO ERP NOS FORNECE?...

Sumário INTRODUÇÃO... 3 O QUE É CNAB?... 3 QUAL O OBJETIVO DO CNAB?... 3 QUAIS BANCOS E CARTEIRAS O EMPRESÁRIO ERP NOS FORNECE?... Sumário INTRODUÇÃO... 3 O QUE É CNAB?... 3 QUAL O OBJETIVO DO CNAB?... 3 QUAIS BANCOS E CARTEIRAS O EMPRESÁRIO ERP NOS FORNECE?... 4 COMO CONFIGURAR O CNAB... 5 CADASTRO DE BANCOS... 5 PARAMETROS DO CNAB...

Leia mais

Índice 1.Auditoria Financeira...2 2.Parametrizações do Sistema...3 2.1.Cadastro da Empresa...3 2.1.1.Forma de controle das notas na Auditoria

Índice 1.Auditoria Financeira...2 2.Parametrizações do Sistema...3 2.1.Cadastro da Empresa...3 2.1.1.Forma de controle das notas na Auditoria Índice 1.Auditoria Financeira...2 2.Parametrizações do Sistema...3 2.1.Cadastro da Empresa...3 2.1.1.Forma de controle das notas na Auditoria Financeira...4 2.1.2.Formas de Registro do Pagamento e Recebimento

Leia mais

Manual do Sistema "Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro" Editorial Brazil Informatica

Manual do Sistema Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro Editorial Brazil Informatica Manual do Sistema "Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro" Editorial Brazil Informatica I Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro Conteúdo Part I Introdução

Leia mais

Sobre o Reserva Fácil

Sobre o Reserva Fácil Sobre o Reserva Fácil O Reserva Fácil é o portal criado para simplificar o dia a dia do agente de viagens e do cliente corporativo no trabalho de busca, reserva e emissão de passagens Com rapidez e segurança,

Leia mais

Movimento. Financeiro. Bancário. Contas a Pagar. Lançamento de Contas a Pagar (simples) Contas a Receber. Lançamento de Contas a Receber (simples)

Movimento. Financeiro. Bancário. Contas a Pagar. Lançamento de Contas a Pagar (simples) Contas a Receber. Lançamento de Contas a Receber (simples) Movimento Financeiro Contas a Pagar Lançamento de Contas a Pagar (simples) Contas a Receber Lançamento de Contas a Receber (simples) Movimento de Caixa Fechamento Caixa Bancos Apropriações de Centros de

Leia mais

Manual do Sistema TBZ OnLine - Entidade

Manual do Sistema TBZ OnLine - Entidade Manual do Sistema TBZ OnLine - Entidade DM003.0 Página 1 / 42 Índice 1 APRESENTAÇÃO... 4 DETALHAMENTO DOS LINKS DO TECBIZ ONLINE... 5 2 INICIAL... 5 3 ASSOCIADO... 5 3.1 SELECIONA ASSOCIADO... 5 3.2 ALTERAR

Leia mais

Documentação de Controle de Acesso Descrição das opções disponíveis

Documentação de Controle de Acesso Descrição das opções disponíveis Módulo Cadastro SIGLA Digital Relação de Controles de Acesso Página 1 de 22 Documentação de Controle de Acesso Descrição das opções disponíveis Agenda Telefônica Cadastro simplificado de telefones. Tem

Leia mais

GUIA PRÁTICO OPERACIONAL

GUIA PRÁTICO OPERACIONAL 2011 GUIA PRÁTICO OPERACIONAL Conteúdo APRESENTAÇÃO HOME Parte 1... 8 Parte 2... 9 Parte 3... 10 PESQUISAS Principais recursos de aéreo, hotel e carro AÉREO... 13 Apresentação... 13 Pesquisa Voos... 14

Leia mais

LINX POSTOS AUTOSYSTEM

LINX POSTOS AUTOSYSTEM LINX POSTOS AUTOSYSTEM Manual Sumário 1 CONCEITO... 4 2 REQUISITOS... 4 3 CONFIGURAÇÕES... 4 3.1 Permissões de Acesso... 4 3.2 Plano de Contas... 5 3.2.1 Parcelado... 6 3.2.2 Parcelamento Notas a Prazo...

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO GONDOLA

MANUAL DO USUÁRIO GONDOLA NOÇÕES GERAIS MANUAL DO USUÁRIO GONDOLA Para melhor compreender o ambiente de trabalho do sistema GONDOLA, é necessário que sejam apresentadas algumas noções gerais, antes de se aprofundar em cada módulo

Leia mais

APRESENTAÇÃO... 3 OBJETIVO... 3 QUEM DEVE USAR... 3 CAPÍTULO 1 - INICIANDO O SISTEMA... 4

APRESENTAÇÃO... 3 OBJETIVO... 3 QUEM DEVE USAR... 3 CAPÍTULO 1 - INICIANDO O SISTEMA... 4 INDICE APRESENTAÇÃO... 3 OBJETIVO... 3 QUEM DEVE USAR... 3 CAPÍTULO 1 - INICIANDO O SISTEMA... 4 1.1 - ENTRADA NO SISTEMA... 4 1.2 - TELA DO ORGANIZADOR DO MULTICONTAS... 4 CAPÍTULO 2 - FUNCIONALIDADES

Leia mais

Manual NOV - PDV. Versão 1.0

Manual NOV - PDV. Versão 1.0 Manual NOV - PDV Versão 1.0 Sumário 01 Captura de Nota Fiscal...3 02 Remessa de Entrada...6 03 Remessa de Saída......9 04 Pedido Normal...12 05 Pedido Especial...16 06 Nota Fiscal Avulsa...18 07 Controle

Leia mais

Configuração Empresa/Filial

Configuração Empresa/Filial Configuração Empresa/Filial Para definir as configurações (Parâmetros) de cada empresa ou filial cadastrada no sistema, proceda da seguinte forma: Acesse o módulo Administrativo. Clique no menu Cadastros

Leia mais

Guia do usuário SGV Módulo III -versão 3.0.7 Configurações da Minha Empresa

Guia do usuário SGV Módulo III -versão 3.0.7 Configurações da Minha Empresa Guia do usuário SGV Módulo III -versão 3.0.7 Configurações da Minha Empresa Versão 3.0.7 BBTUR VIAGENS E TURISMO 27/08/2014 1 Sumário 1. Cadastro de colaboradores...5 1.1 Cadastrar/Pesquisar um Colaborador...5

Leia mais

Conteúdo PARAMETRIZAÇÃO STOREMANAGER... 2

Conteúdo PARAMETRIZAÇÃO STOREMANAGER... 2 Conteúdo PARAMETRIZAÇÃO STOREMANAGER... 2 CONFIGURAÇÕES DA GUIA GERAIS DO STOREMANAGER... 2 Seção Geral... 2 BOTÕES DE CONFIRMAÇÃO... 3 Seção Código de Barras... 4 Seção Abertura / Fechamento de Caixa...

Leia mais

MÓDULO CLIENTE 1. O QUE PODE SER FEITO PELO SITE: 3 2. APRESENTAÇÃO DO SITE 4

MÓDULO CLIENTE 1. O QUE PODE SER FEITO PELO SITE: 3 2. APRESENTAÇÃO DO SITE 4 MÓDULO CLIENTE Conteúdo 1. O QUE PODE SER FEITO PELO SITE: 3 2. APRESENTAÇÃO DO SITE 4 2.2 HOME 4 2.3 A VALECARD 5 2.4 PRODUTOS 6 2.5 REDE CREDENCIADA 7 2.6 ROTA 9 2.7 CONTATO 9 3. EMPRESAS 11 3.1. ACESSO

Leia mais

TARIFA OPERADORA TAM. Procedimentos e orientações para consulta, reserva e emissão de bilhetes TAM Tarifa Operadora. Julho/2013

TARIFA OPERADORA TAM. Procedimentos e orientações para consulta, reserva e emissão de bilhetes TAM Tarifa Operadora. Julho/2013 Julho/2013 TARIFA OPERADORA TAM Procedimentos e orientações para consulta, reserva e emissão de bilhetes TAM Tarifa Operadora Clube Turismo Matriz Av. Pres. Epitácio Pessoa, 724, Torre CEP 58040-000 João

Leia mais

ISSWEB Contribuintes de Outro Município FIORILLI SOFTWARE

ISSWEB Contribuintes de Outro Município FIORILLI SOFTWARE Manual do Sistema de ISS ISSWEB Contribuintes de Outro Município FIORILLI SOFTWARE Manual do Sistema de ISS 1 CONTEÚDO 1. Menu Contribuintes 1.1 Página Inicial... 2 1.2 Dados Gerais... 2 1.3 Trocar Contribuinte...

Leia mais

Imóvel Mix Administração

Imóvel Mix Administração Imóvel Mix Administração Guia de Referência Rápida 01. Acesso ao Sistema 02. Aspectos Gerais 03. Configuração da Empresa 04. Configuração do Sistema 05. Usuários 06. Controle de Acesso 07. Cadastro de

Leia mais

Instalação - Primeiros Passos

Instalação - Primeiros Passos O CIAF Hotelaria, é um sistema que permite ao administrador, gerenciar completamente sua empresa que presta serviço de hospedagem como hotéis e pousadas por exemplo. Facilmente você poderá cadastrar suas

Leia mais

Guia Prático do Usuário

Guia Prático do Usuário Guia Prático do Usuário 3. O que esse Manual aborda Esse manual é um guia prático de utilização do sistema, ele aborda noções gerais sobre gerenciamento de sua empresa além de ter informações detalhando

Leia mais

Manual do Usuário. Tecnologia da Informação de Porto Alegre TIPA/SRPA Atualizado em 27/07/2005 ÍNDICE:

Manual do Usuário. Tecnologia da Informação de Porto Alegre TIPA/SRPA Atualizado em 27/07/2005 ÍNDICE: SICOA Sistema de Identificação e Controle de Acesso Manual do Usuário Tecnologia da Informação de Porto Alegre TIPA/SRPA Atualizado em 27/07/2005 ÍNDICE: 1. Início do Sistema...3 1.1. Tela Login...3 1.2

Leia mais

NeXT ERP Manual do usuário. Resumo das principais funcionalidades. Dezembro/2009. NeXT Software

NeXT ERP Manual do usuário. Resumo das principais funcionalidades. Dezembro/2009. NeXT Software NeXT ERP Manual do usuário Resumo das principais funcionalidades Dezembro/2009 NeXT Software Página 1 de 33 Índice Iniciando NeXT ERP...3 Tela inicial...3 Interface padrão do NeXT ERP...3 Interface - Cadastro

Leia mais

APLICAÇÕES WEB GUIA DO USUÁRIO

APLICAÇÕES WEB GUIA DO USUÁRIO Parte:...................................... Gabarito Assunto:............................ Atualização: Original........................ Página: 1 SIA 7.5 - Sistema Integrado de Arrecadação APLICAÇÕES

Leia mais

www.gerenciadoreficaz.com.br

www.gerenciadoreficaz.com.br Fone: (62) 4141-8464 E-mail: regraconsultoria@hotmail.com www.gerenciadoreficaz.com.br Guia Prático do Usuário Manual de Instalação Gerenciador Eficaz 7 2 Manual do Usuário Gerenciador Eficaz 7 Instalando

Leia mais

Manual da Nota Fiscal Eletrônica

Manual da Nota Fiscal Eletrônica Manual da Nota Fiscal Eletrônica Memory Informática Tabela de Conteúdos Meu Usuário Meu Perfil --------------------------------------------------------- 4 Minha Empresa Configurar Minha Empresa -------------------------------------

Leia mais

PRINCIPAIS NOVIDADES VERSÃO 8.85/1.1.66

PRINCIPAIS NOVIDADES VERSÃO 8.85/1.1.66 PRINCIPAIS NOVIDADES VERSÃO 8.85/1.1.66 Sumário 1. Nota Fiscal Eletrônica São Paulo... 3 2. Motivo da baixa... 9 3. Contrato Endereço para cobrança... 12 4. Vistoria... 13 5. Contas a pagar Controle de

Leia mais

Os itens adicionados nesta lista serão retirados do estoque até que você os devolva.

Os itens adicionados nesta lista serão retirados do estoque até que você os devolva. Funções do Rackine. Será abordado aqui de forma simples e abreviada, as principais funções de cada tela do Rackine. Focando apenas em descrever o que cada parte do software faz. Para informações relativas

Leia mais

TUTORIAL NOVO PORTAL FLYTOUR VIAGENS

TUTORIAL NOVO PORTAL FLYTOUR VIAGENS TUTORIAL NOVO PORTAL FLYTOUR VIAGENS Departamento de Treinamento - Versão 01/2014 MENU Como logar e acessar o painel de controle ----------------------------------------------------------------3 Reserva

Leia mais

Tela de Apresentação Informe seu País. Clique no mapa das Américas (Indicado por um círculo amarelo)

Tela de Apresentação Informe seu País. Clique no mapa das Américas (Indicado por um círculo amarelo) Tela de Apresentação Informe seu País Clique no mapa das Américas (Indicado por um círculo amarelo) 2 Tela de Apresentação Informe seu País Clique em Brazil 3 Tela de Acesso Informe seu Login Digite seu

Leia mais

Índice 1. PORTAL DE VENDAS... 3 2. INTEGRAÇÃO PORTAL DE VENDAS X FOX... 4 3. CADASTRO DE VENDEDORES/SUPERVISORES... 5 4. CONFIGURAÇÃO DO SISTEMA...

Índice 1. PORTAL DE VENDAS... 3 2. INTEGRAÇÃO PORTAL DE VENDAS X FOX... 4 3. CADASTRO DE VENDEDORES/SUPERVISORES... 5 4. CONFIGURAÇÃO DO SISTEMA... Portal de Vendas Índice 1. PORTAL DE VENDAS... 3 2. INTEGRAÇÃO PORTAL DE VENDAS X FOX... 4 3. CADASTRO DE VENDEDORES/SUPERVISORES... 5 1.1. Guia Portal de Vendas... 7 4. CONFIGURAÇÃO DO SISTEMA... 8 5.

Leia mais

DOCUMENTO OPERACIONAL PROCESSO: ATENDIMENTO A CLIENTES CORPORATIVOS. SETOR RESPONSÁVEL: OPERACIONAL

DOCUMENTO OPERACIONAL PROCESSO: ATENDIMENTO A CLIENTES CORPORATIVOS. SETOR RESPONSÁVEL: OPERACIONAL PÁGINA: 1 de 6 1.0 OBJETIVO: Atender os clientes corporativos em suas solicitações de serviços de viagens a negócios, identificar suas necessidades, analisar criticamente as solicitações (seleção de fornecedores

Leia mais

MÓDULO DE CONTROLE DE CONSÓRCIO.

MÓDULO DE CONTROLE DE CONSÓRCIO. MANUAL DO SISTEMA Versão 6.08 Parametrizando o sistema... 3 Administradoras... 3 Aba Configurações Gerais... 5 Aba Licenciamento/Valor Produto... 9 Aba Configurações Comissões... 10 Copiar Configurações...

Leia mais

Módulo Vendas Balcão. Roteiro passo a passo. Sistema Gestor New

Módulo Vendas Balcão. Roteiro passo a passo. Sistema Gestor New 1 Roteiro passo a passo Módulo Vendas Balcão Sistema Gestor New Instruções para configuração e utilização do módulo Vendas balcão com uso de Impressora fiscal (ECF) 2 ÍNDICE 1. Cadastro da empresa......3

Leia mais

Índice 1. APRESENTAÇÃO... 1 2. CADASTRO DA EMPRESA... 8 3. CONTROLE DE PERMISSÕES... 14 4. CONFIGURAÇÕES DA EMPRESA... 19 5. CND...

Índice 1. APRESENTAÇÃO... 1 2. CADASTRO DA EMPRESA... 8 3. CONTROLE DE PERMISSÕES... 14 4. CONFIGURAÇÕES DA EMPRESA... 19 5. CND... Sage CND Índice 1. APRESENTAÇÃO... 1 1.1. Primeiro Acesso... 2 1.2. Conhecendo a Plataforma Sage... 4 1.2.1. Seleção de Empresa de Trabalho... 4 1.2.2. Sair do sistema/minhas Configurações... 5 1.2.3.

Leia mais

Frontur Consolidação Portal / Manual versão 2.0

Frontur Consolidação Portal / Manual versão 2.0 Frontur Consolidação Portal / Manual versão 2.0 Manual Avançado Portal Agências Sumário 1 Portal Frontur Consolidação... 3 2 Reconhecendo o Portal... 03/04/2014 3 3 Navegando e utilizando o Portal... 5

Leia mais

Acesso do sistema. Para acessar o sistema, basta dar dois cliques neste ícone ou ir pelo menu Iniciar, como mostra na figura abaixo.

Acesso do sistema. Para acessar o sistema, basta dar dois cliques neste ícone ou ir pelo menu Iniciar, como mostra na figura abaixo. Manual do usuário Acesso do sistema Página 1 Veja que em sua área de trabalho irá aparecer o ícone do Sistema. Para acessar o sistema, basta dar dois cliques neste ícone ou ir pelo menu Iniciar, como mostra

Leia mais

TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE

TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE GERAÇÃO DE BOLETOS BRADESCO NO FINANCE 2 Índice Como gerar Boleto Bancário pelo Bradesco... 3 Como gerar os arquivos de Remessa para o Banco pelo Finance... 14 Como enviar

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES. Sistema Nota Fiscal Eletrônica. Sil Tecnologia LTDA

MANUAL DE INSTRUÇÕES. Sistema Nota Fiscal Eletrônica. Sil Tecnologia LTDA Sistema Nota Fiscal Eletrônica Sil Tecnologia LTDA SUMÁRIO INTRODUÇÃO 4 1. CONHECENDO OS COMANDOS DO SISTEMA 5 1.1 Tela Inicial do Sistema 5 1.2 Navegador de registros 6 1.3 Filtro de Registros 6 2. TELA

Leia mais

Treinamento Sistema Condominium Módulo II

Treinamento Sistema Condominium Módulo II CONDOMINIUM - Módulo II GERAÇÃO DE EMISSÕES RATEIO Neste módulo o aprendizado será a emissão dos boletos bancários. O sistema disponibiliza algumas maneiras para facilitar o seu dia-a-dia: Sequencia para

Leia mais

Roteiro de Cadastros - GESTOR

Roteiro de Cadastros - GESTOR Página1 INDICE 1. MODULO EMPRESA 1.1. CADASTRO DE USUARIO --------------------------------------------------------------------- 4 1.2. CADASTRO DA EMPRESA --------------------------------------------------------------------

Leia mais

Manual do Sistema "Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro" Editorial Brazil Informatica

Manual do Sistema Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro Editorial Brazil Informatica Manual do Sistema "Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro" Editorial Brazil Informatica I Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro Conteúdo Part I Introdução

Leia mais

AUDITORIA FINANCEIRA. No Gerenciador de Sistemas, em Empresas\ Cadastro de Empresas, é necessário parametrizar os dados para a Auditoria Financeira.

AUDITORIA FINANCEIRA. No Gerenciador de Sistemas, em Empresas\ Cadastro de Empresas, é necessário parametrizar os dados para a Auditoria Financeira. AUDITORIA FINANCEIRA Processo de uso da Auditoria Financeira CADASTRO DE EMPRESA PARÂMETROS No Gerenciador de Sistemas, em Empresas\ Cadastro de Empresas, é necessário parametrizar os dados para a Auditoria

Leia mais

Faturamento de Honorários e de Despesas

Faturamento de Honorários e de Despesas Faturamento de Honorários e de Despesas Procedimentos para Equipe de Faturamento e Cobrança O módulo de Faturamento de Honorários e de Despesas é composto por várias etapas que podem ou não ser realizadas

Leia mais

TREINAMENTO SISTEMA RESERVE. Hospedagem

TREINAMENTO SISTEMA RESERVE. Hospedagem TREINAMENTO SISTEMA RESERVE Hospedagem ACESSO AO SISTEMA RESERVE Acesso: Intranet: Área do Empregado >> Viagens >> Site da BK2: www.lcc-bk2.com; Digitar o Login de usuário do Reserve; 2 Digitar a senha

Leia mais

Pagamento - Fornecedor

Pagamento - Fornecedor Pagamento - Fornecedor MT-212-00137 - 1 Última Atualização 30/08/2014 I. Objetivos Após este módulo de capacitação você será capaz de: Carregar Documentos Fiscais Verificar o status de envio dos documentos

Leia mais

Treinamento GVcollege Módulo Financeiro 1

Treinamento GVcollege Módulo Financeiro 1 Treinamento GVcollege Módulo Financeiro 1 2013 GVDASA Sistemas Caixa AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio.

Leia mais

Pagamentos MT-212-00137-6 Última Atualização 06/01/2015

Pagamentos MT-212-00137-6 Última Atualização 06/01/2015 Pagamentos MT-212-00137-6 Última Atualização 06/01/2015 I. Objetivos Após este módulo de capacitação você será capaz de: Carregar Documentos Fiscais Verificar o status de envio dos documentos fiscais Consultar

Leia mais

LINX POSTOS AUTOSYSTEM

LINX POSTOS AUTOSYSTEM LINX POSTOS AUTOSYSTEM Manual Notas Fiscais Sumário 1 CONCEITO... 3 2 REQUISITOS... 3 3 CONFIGURAÇÕES... 3 3.1 Permissões... 3 3.2 Configurar NF-e... 4 3.2.1 Aba Geral... 5 3.2.2 Opções... 6 3.3 Processador

Leia mais

Manual do Módulo. MerchNotas

Manual do Módulo. MerchNotas Manual do Módulo MerchNotas Bento Gonçalves (RS), Agosto de 2010 Índice 1. Introdução... 4 2. Menu Entrada de Notas... 5 2.1. Entrada de Notas (F11)... 5 2.2. Entrada de Notas NFe (F12)... 8 2.3. Apuração

Leia mais

1º No módulo de Gestão Contábil é possível acessar o relatório através do menu Relatórios Razão.

1º No módulo de Gestão Contábil é possível acessar o relatório através do menu Relatórios Razão. Impairment Produto : TOTVS Gestão Contábil 12.1.1 Processo : Relatórios Subprocesso : Razão Data publicação da : 12/11/2014 O relatório razão tem a finalidade de demonstrar a movimentação analítica das

Leia mais

MBM Entrega Expressa www.terti.com.br. Índice

MBM Entrega Expressa www.terti.com.br. Índice Índice Instalação do programa 03 Cadastrar Usuário(s) 04 Iniciar Operações 06 Atalhos da Área de Trabalho do Sistema 08 Ícones da Área de Tarefas do Sistema 09 Cadastrar Grupos 10 Cadastrar Clientes/ Fornecedores/

Leia mais

Treinamento de. Linx Pos

Treinamento de. Linx Pos Treinamento de caixa Linx Pos Será instalados no terminal da loja, o ícone, conforme imagem abaixo: Linx POS ÍNDICE Abertura de caixa e leitura X Lançamentos Cancelamento de itens Consulta preços no ato

Leia mais

Instruções para configuração e utilização do. fiscal (ECF)

Instruções para configuração e utilização do. fiscal (ECF) 1 Instruções para configuração e utilização do módulo Vendas balcão SEM Impressora de cupom fiscal (ECF) 2 ÍNDICE 1. Cadastro da empresa...3 2. Configurações dos Parâmetros......3 3. Cadastro de cliente...4

Leia mais

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA MÉDICOS

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA MÉDICOS HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA MÉDICOS 1 CADASTRANDO CLIENTES 1.1 BUSCANDO CLIENTES 1.1.1 BUSCANDO CLIENTES PELO NOME 1.1.2 BUSCANDO CLIENTES POR OUTRAS BUSCAS 1.2 CAMPO OBSERVAÇÕES 1.3

Leia mais

Versão: 1.7.8.8 com instruções para Protesto

Versão: 1.7.8.8 com instruções para Protesto Versão: 1.7.8.8 com instruções para Protesto Utilização Para dar início ao processo, o cooperado deverá ter acesso ao internet banking. Se ainda não possuir, dirija-se aos caixas da Sicoob-Cocred. O programa

Leia mais

Índice. Informações sobre conteúdo do site...04

Índice. Informações sobre conteúdo do site...04 Índice Informações sobre conteúdo do site...04 Como usar o site...05 Conhecendo o site... 06 Conectando ao site...10 Resumo de suas reservas...11 Iniciando a pesquisa...12 Como fazer reserva de hotel Definindo

Leia mais

Guia do Sistema de ISS - Contribuintes Nota Avulsa

Guia do Sistema de ISS - Contribuintes Nota Avulsa Manual do Sistema de ISS 1 Guia do Sistema de ISS - Contribuintes Nota Avulsa Na página inicial do sistema de ISSWEB são apresentados quatro menus: Início, Acesso ao Sistema, Credenciamento e Consultas.

Leia mais

1998-2013 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados.

1998-2013 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados. Versão 8.0A-01 Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas Ltda. Nesse caso, somente a Domínio Sistemas

Leia mais

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA MÉDICOS

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA MÉDICOS HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA MÉDICOS 1 CADASTRANDO CLIENTES 1.1 BUSCANDO CLIENTES 1.1.1 BUSCANDO CLIENTES PELO NOME 1.1.2 BUSCANDO CLIENTES POR OUTRAS BUSCAS 1.2 CAMPO OBSERVAÇÕES

Leia mais

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição. Núcleo de Tecnologia da Informação

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição. Núcleo de Tecnologia da Informação Divisão de Almoxarifado DIAX/CGM/PRAD Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição Versão On-Line Núcleo de Tecnologia da Informação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Manual do Sistema

Leia mais

Manual do Software de Cobrança Itaú

Manual do Software de Cobrança Itaú Banco Itaú SA Manual do Software de Cobrança Itaú Última atualização: agosto/2006 Índice 1 Visão Geral 03 2 Instalação 03 3 Inserindo os dados de sua empresa 03 4 Inserindo os dados dos títulos de Cobrança

Leia mais

Manual do Sistema "Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro" Editorial Brazil Informatica

Manual do Sistema Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro Editorial Brazil Informatica Manual do Sistema "Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro" Editorial Brazil Informatica I Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro Conteúdo Part I Introdução

Leia mais

TMS - TRAVEL MANAGEMENT SYSTEM. Sistema de pesquisa, reservas e gerenciamento de viagens nacionais e internacionais.

TMS - TRAVEL MANAGEMENT SYSTEM. Sistema de pesquisa, reservas e gerenciamento de viagens nacionais e internacionais. TMS - TRAVEL MANAGEMENT SYSTEM Sistema de pesquisa, reservas e gerenciamento de viagens nacionais e internacionais. G u i a do u s u á r i o TMS TRISTAR MANAGEMENT SYSTEM Guia do Usuário TRISTAR VIAGENS

Leia mais

UNICO... 3. Clientes/Fornecedores/Técnicos/Transportadoras/Vendedores... 5. Produtos... 6. Serviços... 6. Outros... 6. Vendas... 7. Notas Fiscais...

UNICO... 3. Clientes/Fornecedores/Técnicos/Transportadoras/Vendedores... 5. Produtos... 6. Serviços... 6. Outros... 6. Vendas... 7. Notas Fiscais... Sumário UNICO...... 3 Cadastros... 4 Clientes/Fornecedores/Técnicos/Transportadoras/Vendedores... 5 Produtos...... 6 Serviços...... 6 Outros...... 6 Vendas... 7 Notas Fiscais... 7 Estoque...8 Financeiro......

Leia mais

AVISO. Treinamento GVcollege Módulo Contas a Pagar 2

AVISO. Treinamento GVcollege Módulo Contas a Pagar 2 AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Nenhuma parte desta publicação pode ser reproduzida nem transmitida

Leia mais

Treinamento Sistema Condominium Módulo II

Treinamento Sistema Condominium Módulo II CONDOMINIUM - Módulo II GERAÇÃO DE EMISSÕES RATEIO Neste módulo o aprendizado será a emissão dos boletos bancários. O sistema disponibiliza algumas maneiras para facilitar o seu dia-a-dia: Sequencia para

Leia mais

MANUAL DE OPERAÇÃO. ASP Consultoria e Desenvolvimento de Softwares Ltda. SISTEMA DE GESTÃO COMERCIAL. Manual de Operação do SIMPLES 1

MANUAL DE OPERAÇÃO. ASP Consultoria e Desenvolvimento de Softwares Ltda. SISTEMA DE GESTÃO COMERCIAL. Manual de Operação do SIMPLES 1 Manual de Operação do SIMPLES 1 MANUAL DE OPERAÇÃO SISTEMA DE GESTÃO COMERCIAL ASP Consultoria e Desenvolvimento de Softwares Ltda. Manual de Operação do SIMPLES 2 A Empresa A ASP Desenvolvimento de Softwares

Leia mais

Manual do Processo de Controladoria

Manual do Processo de Controladoria Manual do Processo de Controladoria Apresentação MV Sumário Processo de Controladoria 5 Leia-me primeiro... 5 Contas a Pagar -... Provisionamento 7 Validar Dados da Nota Fiscal... 11 Registro no Contas

Leia mais

INTRODUÇÃO... 2. Acessando o CUSTOM DESKTOP... 3. Efetuando uma reserva... 5. Inserindo o cartão de milhas... 7. Reservando Assentos...

INTRODUÇÃO... 2. Acessando o CUSTOM DESKTOP... 3. Efetuando uma reserva... 5. Inserindo o cartão de milhas... 7. Reservando Assentos... Sumário INTRODUÇÃO... 2 Acessando o CUSTOM DESKTOP... 3 Efetuando uma reserva... 5 Inserindo o cartão de milhas... 7 Reservando Assentos... 7 Emitindo o bilhete... 8 Cancelando o bilhete... 9 Cancelando

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.07 Configurando o Módulo... 3 Contas... 3 Conta Caixa... 5 Aba Geral... 5 Aba Empresas... 8 Conta Banco... 9 Aba Geral... 9 Aba Conta Banco... 10 Aba Empresas... 12 Tipos de

Leia mais

jfinanç as Pessoal Versão 2.0 - Fevereiro/2015

jfinanç as Pessoal Versão 2.0 - Fevereiro/2015 jfinanças Pessoal Versão 2.0 - Fevereiro/2015 Índice 1 INTRODUÇÃO E VISÃO GERAL... 1 2 INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO INICIAL DO JFINANÇAS PESSOAL... 2 2.1 Download... 3 2.2 Instalação do jfinanças Pessoal...

Leia mais

Circulação de Materiais

Circulação de Materiais Circulação de Materiais Manual APC Manual PER-MAN-001 Circulação de Materiais Sumário 1. EMPRÉSTIMO/DEVOLUÇÃO/DÉBITOS/RENOVAÇÃO... 1-1 1.1 1.2 EMPRÉSTIMO... 1-3 DEVOLUÇÃO... 1-7 1.3 DÉBITOS... 1-10 1.4

Leia mais

PEDIDO Manual OPERACIONAL

PEDIDO Manual OPERACIONAL SISTEMA DE GESTÃO HDIAS HAMILTON DIAS (31) 8829.9195 8540.8872 www.hdias.com.br hamilton-dias@ig.com.br PEDIDO Manual OPERACIONAL Pagina 2 de 34 ÍNDICE Pedido... 4 Como Acessar... 4 Como Localizar Pedido...

Leia mais

Personalize o sistema de acordo com as necessidades de sua empresa entre em contato conosco.

Personalize o sistema de acordo com as necessidades de sua empresa entre em contato conosco. Sistema integrado para emissão de nota fiscal eletronica NF-e Personalize o sistema de acordo com as necessidades de sua empresa entre em contato conosco. OmegaBYTE Informática Fones (51) 37375070 (51)

Leia mais

Personalize o sistema de acordo com as necessidades de sua empresa entre em contato conosco.

Personalize o sistema de acordo com as necessidades de sua empresa entre em contato conosco. Sistema integrado para emissão de nota fiscal eletronica NF-e Personalize o sistema de acordo com as necessidades de sua empresa entre em contato conosco. OmegaBYTE Informática Fones (11) 4458-0022 (11)

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL

PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL SECRETARIA MUNICIPAL DE TRIBUTAÇÃO M A N U A L D A NFS-e NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA NOTA NATALENSE ÍNDICE INFORMAÇÕES GERAIS...4 1. Acesso ao Portal do Sistema...7

Leia mais

Sumário. www.samisistemas.com.br Porto Alegre 51 3254.5454 Florianópolis 48 3094.1775 São Paulo 11 3076.499 Rio de Janeiro 21 3031.

Sumário. www.samisistemas.com.br Porto Alegre 51 3254.5454 Florianópolis 48 3094.1775 São Paulo 11 3076.499 Rio de Janeiro 21 3031. Sumário Legenda... 3 1. Caixa... 4 1.1. Caixa... 4 1.1.1. Abertura de Caixa... 4 1.1.1.1. Lançamentos de Caixa... 6 1.1.2. Fechamento de Caixa... 38 1.2. Consultas... 39 1.2.1. Fita do Caixa... 39 1.2.2.

Leia mais

Apostila de Treinamento. Sistema Administrativo CFCAPlus

Apostila de Treinamento. Sistema Administrativo CFCAPlus Apostila de Treinamento Sistema Administrativo CFCAPlus CONFIGURAÇÕES... 5 CADASTRO DE PARÂMETROS... 6 Guia 1: A Empresa... 6 Software Licenciado para:... 6 Acesso ao CFCPLUS:... 7 Acesso ao CNHExpress:...

Leia mais

ÍNDICE GERAL ÍCONES COMUNS A VÁRIAS TELAS. 03 ATALHO ORDEM DE SERVIÇO 16 GARANTIA 16 PESQUISA PRODUTO. 05 NOVO CLIENTE 05 ESTOQUE 17

ÍNDICE GERAL ÍCONES COMUNS A VÁRIAS TELAS. 03 ATALHO ORDEM DE SERVIÇO 16 GARANTIA 16 PESQUISA PRODUTO. 05 NOVO CLIENTE 05 ESTOQUE 17 1 ÍNDICE GERAL ÍCONES COMUNS A VÁRIAS TELAS. 03 ATALHO PESQUISA PRODUTO. 05 NOVO CLIENTE 05 NOVO PRODUTO 07 NOVA VENDA VENDA IDENTIFICADA 07 NOVA ORDEM DE SERVIÇO 08 NOVO ORÇAMENTO 09 BALANÇO DIÁRIO DE

Leia mais

Guia de uso Reserva Fácil. Guia de uso Reserva Fácil

Guia de uso Reserva Fácil. Guia de uso Reserva Fácil Guia de uso Reserva Fácil Guia de uso Reserva Fácil Sobre o Reserva Fácil O Reserva Fácil simplifica o dia a dia do agente de viagens e do cliente corporativo no trabalho de busca, reserva e emissão de

Leia mais

1. INTRODUÇÃO... 1 2. OBJETIVO... 1 3. FORMAS DE ACESSO... 1 4. COMO ACESSAR O SISTEMA?... 1 5. ESQUECI MINHA SENHA, O QUE DEVO FAZER?... 2 6.

1. INTRODUÇÃO... 1 2. OBJETIVO... 1 3. FORMAS DE ACESSO... 1 4. COMO ACESSAR O SISTEMA?... 1 5. ESQUECI MINHA SENHA, O QUE DEVO FAZER?... 2 6. 1. INTRODUÇÃO... 1 2. OBJETIVO... 1 3. FORMAS DE ACESSO... 1 4. COMO ACESSAR O SISTEMA?... 1 5. ESQUECI MINHA SENHA, O QUE DEVO FAZER?... 2 6. COMO FAZER UMA SOLICITAÇÃO DE VIAGEM?... 3 7. COMO FAZER A

Leia mais

Sistema Admsoft MANUAL SISTEMA ADMSOFT

Sistema Admsoft MANUAL SISTEMA ADMSOFT MANUAL SISTEMA ADMSOFT APRESENTAÇÃO ADMINISTRADOR DE ESCRITÓRIO CONTÁBIL Muito mais que um administrador de Escritório Contábil. Com o Admsoft, você gerencia a administração financeira do seu escritório.

Leia mais

Locavia MANUAL DO USUÁRIO

Locavia MANUAL DO USUÁRIO Locavia MANUAL DO USUÁRIO INFO SISTEMAS DE INFORMÁTICA LTDA. Fone: (31) 2122-0888 Site: www.infosistemas.com.br e-mail: suporte@infosistemas.com.br MSN: suporte@infosistemas.com.br Skype: suporte_infosistemas

Leia mais

DDA - VARREDURA DO SACADO

DDA - VARREDURA DO SACADO DDA - VARREDURA DO SACADO RMS Software S.A. - Uma Empresa TOTVS Todos os direitos reservados. A RMS Software é a maior fornecedora nacional de software de gestão corporativa para o mercado de comércio

Leia mais

SSE 3.0. Guia Rápido. Módulo Secretaria. Nesta Edição

SSE 3.0. Guia Rápido. Módulo Secretaria. Nesta Edição SSE 3.0 Guia Rápido Módulo Secretaria Nesta Edição 1 Acessando o Módulo Secretaria 2 Cadastros Auxiliares 3 Criação de Modelos Definindo o Layout do Modelo Alterando o Layout do Cabeçalho 4 Parametrização

Leia mais

Índice 1. INTRODUÇÃO E VISÃO GERAL... 6 2. ACESSO AO LOJE CLOUD... 8 3. LOJE MAC... 10 4. MENU ARQUIVO... 15

Índice 1. INTRODUÇÃO E VISÃO GERAL... 6 2. ACESSO AO LOJE CLOUD... 8 3. LOJE MAC... 10 4. MENU ARQUIVO... 15 Loje Cloud 1/104 Índice 1. INTRODUÇÃO E VISÃO GERAL... 6 1.1. Organização do Loje... 7 2. ACESSO AO LOJE CLOUD... 8 3. LOJE MAC... 10 3.1. 3.2. Configuração de resolução...10 Salvar arquivos no Loje Cloud

Leia mais

Menu Acesso - Lista de Operações Acessíveis Trade Solution - Versão 2.23g

Menu Acesso - Lista de Operações Acessíveis Trade Solution - Versão 2.23g Menu Acesso - Lista de Operações Acessíveis Trade Solution - Versão 2.23g Esta listagem apresenta as operações de acesso de acordo com o módulo do Trade Solution onde elas causam impacto. Se a operação

Leia mais

Utility Systems FULL - Gestão 2.0 para gráficas, bureaus e acabamento

Utility Systems FULL - Gestão 2.0 para gráficas, bureaus e acabamento Utility Systems FULL - Gestão 2.0 para gráficas, bureaus e acabamento www.utility.com.br VISÃO GERAL O Utility é um aplicativo web, multiplataforma, que possui cinco módulos independentes capazes de oferecer

Leia mais

Manual de Treinamento. Site de Sistema de Gestão de Crédito Pessoal

Manual de Treinamento. Site de Sistema de Gestão de Crédito Pessoal Manual de Treinamento Site de Sistema de Gestão de Crédito Pessoal Sumário Introdução...3 Nova Proposta...9 Propostas Existentes...40 Configurações do Usuário...43 Histórico Consolidado do Cliente...47

Leia mais

Manual do usuário SIACC CAIXA Programado 1

Manual do usuário SIACC CAIXA Programado 1 Manual do usuário SIACC CAIXA Programado 1 Índice ACESSO AO SISTEMA CAIXA PROGRAMADO PELA PRIMEIRA VEZ... 6 CONFIGURAÇÕES NECESSÁRIAS PARA ACESSAR O SISTEMA... 6 TELA DE ACESSO AO SISTEMA CAIXA PROGRAMADO...

Leia mais

MANIFESTO E EXPEDIÇÃO DE CARGAS (PROCESSO DE EMISSÃO DE CT-e)

MANIFESTO E EXPEDIÇÃO DE CARGAS (PROCESSO DE EMISSÃO DE CT-e) 1. OBJETIVO Padronizar a sistemática de emissão do Conhecimento de Transporte Eletrônico (CT-e) e Manifesto de Cargas Intermunicipais e Interestaduais da Irapuru. 2. REGRAS / CONSIDERAÇÕES GERAIS É de

Leia mais

NAJ Sistemas em Informática LTDA.

NAJ Sistemas em Informática LTDA. CONTROLE FINANCEIRO BÁSICO NO SISTEMA NAJ 1ª PARTE Campo Código: Gerado automático pelo sistema. Botão Binóculo: Utilize para pesquisar a conta pelo código automático gerado pelo sistema. Botão Lupa: Utilize

Leia mais

Av. Padre Claret, 146 Conj. 503 Centro Esteio/ RS Fone/ Fax: (51) 3033-6663 www.maxce.com.br

Av. Padre Claret, 146 Conj. 503 Centro Esteio/ RS Fone/ Fax: (51) 3033-6663 www.maxce.com.br PARÂMETROS DE LANÇAMENTOS PARAMETRIZAÅÇO PARA O MÉDULO LANÅAMENTOS NO SISTEMA ARQUIVO > LANÅAMENTOS > PARÑMETROS E CONFIGURAÅÖES PREENCHIMENTO DAS GUIAS: 1. GUIA IMPOSTOS: a) Contas relacionadas à apuração

Leia mais

Apresentação: WebTour - Sistema de Gestão de Pacotes Turísticos

Apresentação: WebTour - Sistema de Gestão de Pacotes Turísticos Apresentação: WebTour - Sistema de Gestão de Pacotes Turísticos M&M Soluções Web www.mmsolucoesweb.com.br Página 2 de 18 Apresentação Criada oficialmente em 2009, a M&M iniciou suas atividades através

Leia mais

LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA

LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA (Orientamos aos clientes que utilizam banco de dados SQL, para efetuarem a atualização preferencialmente após o encerramento das atividades do dia, acessando o sistema

Leia mais

Manual do Sistema "Vida em Mão - Controle Financeiro Para PALM" Editorial Brazil Informatica

Manual do Sistema Vida em Mão - Controle Financeiro Para PALM Editorial Brazil Informatica Manual do Sistema "Vida em Mão - Controle Financeiro Para PALM" Editorial Brazil Informatica I Vida em Mãos - Controle Financeiro para PALM Conteúdo Part I Introdução 2 1 Fala Comigo -... Sistema de Atendimento

Leia mais