Superior Tribunal de Justiça

Save this PDF as:

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Superior Tribunal de Justiça"

Transcrição

1 RECURSO ESPECIAL Nº RS (2003/ ) RELATOR : MINISTRO CARLOS ALBERTO MENEZES DIREITO RECORRENTE : BANCO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL S/A - BANRISUL ADVOGADO : GILMAR DUARTE E OUTROS RECORRENTE : ANTÔNIO ÂNGELO MICHELON ADVOGADO : RICARDO BORGES CHEDID E OUTROS RECORRIDO : OS MESMOS EMENTA Ação de cobrança e ação de revisão. Prescrição qüinqüenal dos juros em contrato de abertura de crédito (art. 178, 10, III, do Código Civil de 1916). Precedentes da Corte sobre a inexistência da mora diante de indevida cobrança do credor. A limitação de juros com base na abusividade da cláusula deve ser enfrentada com fundamentação apropriada. 1. Tratando-se de ação de cobrança de juros em operação de mútuo aplica-se o art. 178, 10, III, do Código Civil de Não existe a mora quando a cobrança feita pelo credor é indevida. 3. A limitação dos juros com base no Código de Defesa do Consumidor deve ser desafiada com fundamentação apropriada. 4. Recurso especial da instituição financeira não conhecido; recurso especial do devedor conhecido e provido, em parte. ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos os autos em que são partes as acima indicadas, acordam os Ministros da Terceira Turma do Superior Tribunal de Justiça, por unanimidade, conhecer parcialmente do recurso especial do devedor e, nessa parte, dar-lhe provimento quanto à prescrição e à mora; não conhecer do recurso especial da instituição financeira, nos termos do voto do Sr. Ministro Relator. Os Srs. Ministros Nancy Andrighi e Castro Filho votaram com o Sr. Ministro Relator. Ausentes, ocasionalmente, os Srs. Ministros Antônio de Pádua Ribeiro e Humberto Gomes de Barros. Presidiu o julgamento o Sr. Ministro Carlos Alberto Menezes Direito. Documento: Inteiro Teor do Acórdão - Site certificado - DJ: 23/08/2004 Página 1 de 9

2 Brasília (DF), 14 de junho de 2004 (data do julgamento). MINISTRO CARLOS ALBERTO MENEZES DIREITO Relator Documento: Inteiro Teor do Acórdão - Site certificado - DJ: 23/08/2004 Página 2 de 9

3 RECURSO ESPECIAL Nº RS (2003/ ) RELATÓRIO O EXMO. SR. MINISTRO CARLOS ALBERTO MENEZES DIREITO: Banco do Estado do Rio Grande do Sul S.A.- BANRISUL e Antônio Ângelo Michelon interpõem recursos especiais, o primeiro com fundamento nas alíneas "a" e "c" e o segundo com fundamento na alínea "a" do permissivo constitucional, contra acórdão da Décima Nona Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul, assim ementado: "AÇÃO DE COBRANÇA/REVISIONAL. CONTRATO DE ABERTURA DE CRÉDITO EM CONTA CORRENTE. Inocorrência da alegada inépcia da inicial da cobrança. Ocorrência de mora - CCB, 960. Correção monetária pela TR - cabimento. Juros limitados em 12% ao ano; nulidade da cláusula contratual abusiva. Prescrição inocorrente. Honorária inalterada. Apelo PARCIALMENTE PROVIDO" (fl. 651). Opostos embargos de declaração (fls. 670 a 676), foram acolhidos em parte para substituir a TR adotada pelo acórdão pelo IGP-M (fls. 679 a 686). Sustenta o primeiro recorrente contrariedade ao artigo 4º da Lei nº 4.595/64. Argumenta que não há possibilidade de limitação de juros, devendo permanecer o que foi contratado entre as partes. Aduz a não-aplicação do Código de Defesa do Consumidor ao presente caso. Aponta, ainda, dissídio jurisprudencial, trazendo à colação julgados desta Corte. Alega o segundo recorrente violação do artigo 535, inciso II, do Código de Processo Civil, haja vista que não foram sanadas as omissões contidas no acórdão recorrido, mesmo com a interposição de embargos de declaração. Argúi negativa de vigência dos artigos 333, inciso I, do Código de Processo Civil, 177, 178, 10, inciso III, 939, 960 e 963 do Código Civil de 1916, tendo em vista que cabia ao recorrido provar seu crédito junto ao recorrente. Além Documento: Inteiro Teor do Acórdão - Site certificado - DJ: 23/08/2004 Página 3 de 9

4 disso, estão prescritos os juros vencidos há mais de 5 (cinco) anos da data da propositura da ação. Destaca a inexistência da mora pela cobrança indevida dos encargos, não havendo culpa imputável ao devedor. Colaciona julgados desta Corte em abono da sua tese. Apresentadas contra-razões (fls. 727 a 732 e 741 a 748), o recurso especial interposto pelo Banco do Estado do Rio Grande do Sul foi admitido (fls. 751/752). O recurso especial interposto por Antônio Ângelo Michelon não foi admitido (fls. 751/752), tendo seguimento por força de decisão proferida em agravo de instrumento (fl. 767). É o relatório. Documento: Inteiro Teor do Acórdão - Site certificado - DJ: 23/08/2004 Página 4 de 9

5 RECURSO ESPECIAL Nº RS (2003/ ) EMENTA Ação de cobrança e ação de revisão. Prescrição qüinqüenal dos juros em contrato de abertura de crédito (art. 178, 10, III, do Código Civil de 1916). Precedentes da Corte sobre a inexistência da mora diante de indevida cobrança do credor. A limitação de juros com base na abusividade da cláusula deve ser enfrentada com fundamentação apropriada. 1. Tratando-se de ação de cobrança de juros em operação de mútuo aplica-se o art. 178, 10, III, do Código Civil de Não existe a mora quando a cobrança feita pelo credor é indevida. 3. A limitação dos juros com base no Código de Defesa do Consumidor deve ser desafiada com fundamentação apropriada. 4. Recurso especial da instituição financeira não conhecido; recurso especial do devedor conhecido e provido, em parte. VOTO O EXMO. SR. MINISTRO CARLOS ALBERTO MENEZES DIREITO: O segundo recorrente ajuizou ação revisional de contrato alegando que mantém com o banco réu contrato de abertura de crédito em conta-corrente (cheque especial); que o réu vem cobrando encargos abusivos. O banco réu, por seu turno, ajuizou ação de cobrança com base em débitos decorrentes dos encargos de cheque especial. A sentença julgou procedente, em parte, o pedido na ação revisional para determinar a capitalização anual dos juros e excluir a comissão de permanência, e também procedente, em parte, a ação de cobrança para condenar o réu a pagar ao banco a quantia a ser apurada em liquidação de sentença, com as alterações da revisional, no período revisado (fl. 567). O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul proveu, em parte, a apelação do autor da revisional para afastar a inépcia da inicial da ação de cobrança, limitar os juros em 12% ao ano em função da abusividade, decretando a Documento: Inteiro Teor do Acórdão - Site certificado - DJ: 23/08/2004 Página 5 de 9

6 nulidade da cláusula contratual respectiva, reconhecendo a mora do devedor e a aplicação da TR. O devedor interpôs embargos de declaração alegando que não foi examinada a questão relativa aos extratos bancários impugnados e à efetiva utilização do crédito em conta-corrente, mencionando os dispositivos legais para fins de prequestionamento. O Tribunal local acolheu, em parte, os embargos de declaração para sanar contradição, afastando a TR porque não pugnaram por ela as partes, mantendo o IGPM. Ambas as partes recorreram. Vamos examinar primeiro o recurso do autor da revisional, porque contém impugnação baseada no art. 535 do Código de Processo Civil, que é prejudicial em relação ao do banco. Insiste o recorrente na omissão do julgado com relação ao débito, considerando que os extratos nada provam, bem assim no que concerne à prescrição dos juros vencidos há mais de cinco anos, ou seja, no período anterior a 17/2/95. Não creio que tenha havido a omissão alegada. O acórdão recorrido, no ponto, está muito claro ao afirmar que a contratação está provada e que o recorrente está em mora, afastando a prescrição qüinqüenal, porque se cuida de ação pessoal. Em síntese, o acórdão recorrido rechaçou a improcedência da ação de cobrança e enfrentou a revisão requerida. Não há, portanto, violação do art. 535 do Código de Processo Civil. O art. 333, I, do Código de Processo Civil não foi prequestionado. O acórdão recorrido no trecho transcrito no próprio recurso considerou a prova existente no que concerne ao contrato de abertura de crédito e examinou a ação de revisão, concluindo por julgar ambas as ações procedentes, em parte. Não cuidou, portanto, do ônus da prova que incumbiria ao autor quanto ao fato constitutivo do seu direito. O art. 178, 10, III, do Código Civil de 1916, considerando que o acórdão recorrido mandou aplicar o art. 177 do mesmo Código merece examinado. Realmente, o dispositivo comanda a prescrição qüinqüenal, mencionando os juros, ou quaisquer outras prestações acessórias pagáveis anualmente, ou em períodos mais curtos. Aqui, tenho que com razão o recorrente. Os juros em casos de diferenças vinculadas às cadernetas de poupança, sem dúvida, sofrem a prescrição vintenária como assentado em muitos precedentes da Corte (por todos o REsp nº Documento: Inteiro Teor do Acórdão - Site certificado - DJ: 23/08/2004 Página 6 de 9

7 /SP, da minha relatoria, DJ de 11/6/01). Todavia, aqueles relativos ao contrato de mútuo não. De fato, nesses casos, os juros são acessórios daí a incidência do dispositivo apontado no especial. O Ministro Ruy Rosado de Aguiar, votando no REsp nº /SP, Relator o Ministro Cesar Rocha (DJ de 4/8/03) deduziu as razões que se seguem, com as quais estou totalmente de acordo: Pode-se admitir a prescrição em vinte anos quando não se trata de juros no mútuo, mas sim de indenização em favor do poupador. Tive um caso específico, em que a pessoa pediu uma indenização e queria receber o correspondente à caderneta de poupança, que seria o que o banco obteve ou impediu que ela obtivesse. Trata-se de indenização, para diminuir a perda do poupador e evitar o enriquecimento ilícito do Banco, que não pagou o que deveria. Com a ressalva de que não se trata de reconhecer a prescrição de vinte anos para juros em mútuo, porque aí é um acessório e prescreve em cinco anos, e de que na caderneta de poupança há uma situação peculiar com relação á remuneração do poupador, acompanho o voto do Sr. Ministro-Relator conhecendo do recurso, mas negando-lhe provimento. Merece, assim, conhecido e provido o especial para afastar da ação de cobrança os juros anteriores ao período de prescrição previsto no art. 178, 10, III, do Código Civil de No que concerne à mora, também reputo que merece acolhimento a impugnação do especial. É que a nossa jurisprudência tem considerado que não há mora do devedor quando existe cobrança excessiva do credor (EREsp nº /RS, Relator para o acórdão o Ministro Ruy Rosado de Aguiar, DJ de 24/9/01). Em conclusão eu conheço do especial de Antonio Ângelo Michelon e lhe dou provimento, em parte, para acolher a prescrição qüinqüenal e afastar a mora do devedor. Vejamos agora o recurso especial do banco. O ataque é, apenas, na questão da limitação dos juros. Todavia, não merece agasalho. De fato, a jurisprudência da Corte tem sido no sentido de que não há limitação dos juros nos empréstimos contratados com as instituições financeiras, afastando no plano infraconstitucional as regras do Decreto nº /33, presente a Súmula nº 596 do Documento: Inteiro Teor do Acórdão - Site certificado - DJ: 23/08/2004 Página 7 de 9

8 Supremo Tribunal Federal. Ocorre que, no caso, o acórdão recorrido está fincado na abusividade da taxa contratada, isto é, da ordem de 8% ao mês, p. ex., representa, capitalizados, 150% anuais o que é evidente abuso e exagero. Tomando-se 11% mensais, por sua vez, tem-se 250% ao ano (fl. 658). Com isso, aplicou o Código de Defesa do Consumidor, art. 51, IV, e 1º, entendendo nula a cláusula pela estipulação de obrigação iníqua, ofensa a princípios fundamentais e sopesada a natureza do contrato, dentro desse quadro econômico supra mencionado. (fl. 659). Ademais, mencionou que a instituição financeira não justifica, explica ou explicita a partir de que cálculo chega ao índice cobrado (fl. 659), fundamentos que não foram enfrentados pelo especial, não sendo suficiente apontar violação do disposto na Lei nº 4.595/64 e a não-aplicação do Código de Defesa do Consumidor. Com essas razões, eu não conheço do especial do banco. Em resumo, eu conheço do especial do devedor e lhe dou provimento, em parte, quando à prescrição e à mora e não conheço do especial da instituição financeira. Documento: Inteiro Teor do Acórdão - Site certificado - DJ: 23/08/2004 Página 8 de 9

9 CERTIDÃO DE JULGAMENTO TERCEIRA TURMA Número Registro: 2003/ RESP / RS Número Origem: PAUTA: 03/02/2004 JULGADO: 14/06/2004 Relator Exmo. Sr. Ministro CARLOS ALBERTO MENEZES DIREITO Presidente da Sessão Exmo. Sr. Ministro CARLOS ALBERTO MENEZES DIREITO Subprocuradora-Geral da República Exma. Sra. Dra. ARMANDA SOARES FIGUEIREDO Secretária Bela. SOLANGE ROSA DOS SANTOS VELOSO RECORRENTE ADVOGADO RECORRENTE ADVOGADO RECORRIDO AUTUAÇÃO : BANCO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL S/A - BANRISUL : GILMAR DUARTE E OUTROS : ANTÔNIO ÂNGELO MICHELON : RICARDO BORGES CHEDID E OUTROS : OS MESMOS ASSUNTO: Civil - Contratos - Bancário - Abertura de Crédito CERTIDÃO Certifico que a egrégia TERCEIRA TURMA, ao apreciar o processo em epígrafe na sessão realizada nesta data, proferiu a seguinte decisão: "A Turma, por unanimidade, conheceu parcialmente do recurso especial do devedor e, nessa parte, deu-lhe provimento quanto à prescrição e à mora; não conheceu do recurso especial da instiuição financeira, nos termos do voto do Sr. Ministro Relator." Os Srs. Ministros Nancy Andrighi e Castro Filho votaram com o Sr. Ministro Relator. Ausentes, ocasionalmente, os Srs. Ministros Antônio de Pádua Ribeiro e Humberto Gomes de Barros. Presidiu o julgamento o Sr. Ministro Carlos Alberto Menezes Direito. O referido é verdade. Dou fé. Brasília, 14 de junho de 2004 SOLANGE ROSA DOS SANTOS VELOSO Secretária Documento: Inteiro Teor do Acórdão - Site certificado - DJ: 23/08/2004 Página 9 de 9

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 695.205 - PB (2004/0145940-1) RELATOR RECORRENTE ADVOGADOS RECORRIDO ADVOGADO : MINISTRO CARLOS ALBERTO MENEZES DIREITO : BANCO DO BRASIL S/A : MAGDA MONTENEGRO PAULO LOPES DA SILVA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça EDcl no RECURSO ESPECIAL Nº 234.219 - SP (1999/0092625-0) RELATOR : MINISTRO RUY ROSADO DE AGUIAR EMENTA EMBARGOS DE DECLARAÇÃO. Inexistência de seus pressupostos. Embargos rejeitados. ACÓRDÃO Vistos,

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 447.888 - RO (2002/0084713-3) RELATORA : MINISTRA NANCY ANDRIGHI RECORRENTE : ADMINISTRADORA E CORRETORA DE SEGUROS - RONSEG ADVOGADO : ODAILTON KNORST RIBEIRO RECORRENTE : SUL AMÉRICA

Leia mais

DECISÕES» ISS. 3. Recurso especial conhecido e provido, para o fim de reconhecer legal a tributação do ISS.

DECISÕES» ISS. 3. Recurso especial conhecido e provido, para o fim de reconhecer legal a tributação do ISS. DECISÕES» ISS INTEIRO TEOR. EMENTA. TRIBUTÁRIO. RECURSO ESPECIAL. ATIVIDADE DE INCORPORAÇÃO DE IMÓVEIS. EXISTÊNCIA DE DOIS CONTRATOS: O DE COMPRA E VENDA E O DE EMPREITADA. CARACTERIZAÇÃO DE FATO GERADOR

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATORA : MINISTRA NANCY ANDRIGHI EMENTA CIVIL. RECURSO ESPECIAL. AGRAVO NO RECURSO ESPECIAL. AÇÃO DE COBRANÇA DE SEGURO OBRIGATÓRIO DPVAT. EMBARGOS DE DECLARAÇÃO. OMISSÃO, CONTRADIÇÃO OU OBSCURIDADE.

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.079.644 - SP (2008/0172654-7) RELATORA : MINISTRA ELIANA CALMON RECORRENTE : VELLOZA GIROTTO E LINDENBJOM ADVOGADOS ASSOCIADOS S/C ADVOGADO : LUIZ EDUARDO DE CASTILHO GIROTTO E OUTRO(S)

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATORA RECORRENTE ADVOGADO RECORRIDO ADVOGADO : MINISTRA NANCY ANDRIGHI : S B : JASON SOARES DE ALBERGARIA FILHO E OUTRO : T C DA C : EBER CARVALHO DE MELO E OUTRO EMENTA Direito civil e processual civil.

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO JOÃO OTÁVIO DE NORONHA RECORRENTE : E L DOS S E OUTRO ADVOGADO : JULIANO FONSECA DE MORAIS EMENTA RECURSO ESPECIAL. PROCESSUAL CIVIL. AÇÃO DE DIVÓRCIO DIRETO CONSENSUAL. CASAMENTO REALIZADO

Leia mais

RECURSO ESPECIAL Nº 612.800 - RO (2003/0210339-4)

RECURSO ESPECIAL Nº 612.800 - RO (2003/0210339-4) RECURSO ESPECIAL Nº 612.800 - RO (2003/0210339-4) RELATOR RECORRENTE ADVOGADOS RECORRIDO ADVOGADO : MINISTRO ANTÔNIO DE PÁDUA RIBEIRO : BANCO DO BRASIL S/A : ÂNGELO AURÉLIO GONÇALVES PARIZ DONIZETI ELIAS

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO TEORI ALBINO ZAVASCKI PROCURADORES : CLAUDIO XAVIER SEEFELDER FILHO DEYSI CRISTINA DA 'ROLT E OUTRO(S) EMENTA TRIBUTÁRIO. EXECUÇÃO FISCAL. DECLARAÇÃO DO DÉBITO PELO CONTRIBUINTE (DCTF).

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO CASTRO MEIRA EMENTA TRIBUTÁRIO. TAXA DE LOCALIZAÇÃO E FUNCIONAMENTO. LICENÇA. RENOVAÇÃO. LEGITIMIDADE. 1. É legítima a cobrança da taxa de localização e funcionamento para a renovação

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 659.830 - DF (2004/0087560-5) RELATOR RECORRENTE RECORRIDO : MINISTRO CARLOS ALBERTO MENEZES DIREITO : EDUARDO AUGUSTO QUADROS E ALMEIDA : MANOEL FAUSTO FILHO E OUTRO : SOCIEDADE DE

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.340.604 - RJ (2012/0141690-8) RELATOR RECORRENTE PROCURADOR RECORRIDO ADVOGADO : MINISTRO MAURO CAMPBELL MARQUES : ESTADO DO RIO DE JANEIRO : ALEX CORDEIRO BERTOLUCCI E OUTRO(S) :

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.280.171 - SP (2011/0144286-3) RELATOR RECORRENTE RECORRIDO : MINISTRO MASSAMI UYEDA : A C DE A : ANNA CRISTINA BORTOLOTTO SOARES E OUTRO(S) : B L C DE A E OUTRO : CLEBER SPERI EMENTA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no RECURSO ESPECIAL Nº 707.286 - RJ (2004/0169313-7) RELATOR AGRAVANTE AGRAVADO : MINISTRO SIDNEI BENETI : GOLDEN CROSS ASSISTÊNCIA INTERNACIONAL DE SAÚDE LTDA EMENTA DIREITO CIVIL E PROCESSUAL CIVIL.

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 673.231 - SP (2004/0111102-8) RELATOR : MINISTRO HAMILTON CARVALHIDO RECORRENTE : OCTET BRASIL LTDA ADVOGADO : CARLOS HENRIQUE SPESSOTO PERSOLI E OUTROS RECORRIDO : JONH GEORGE DE CARLE

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO CARLOS ALBERTO MENEZES DIREITO RECORRENTE : EDUARDO JORGE PENHA DE SOUZA ADVOGADO : JOSÉ ALFREDO FERREIRA DE ANDRADE E OUTRO(S) RECORRIDO : MARIA DO PERPÉTUO SOCORRO RODRIGUES PENHA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL N 272.739 - MINAS GERAIS (2000/0082405-4) EMENTA ALIENAÇÃO FÍDUCIÁRIA. Busca e apreensão. Falta da última prestação. Adimplemento substancial. O cumprimento do contrato de financiamento,

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO JORGE SCARTEZZINI EMENTA PROCESSO CIVIL - AGRAVO DE INSTRUMENTO - NEGATIVA DE PROVIMENTO - AGRAVO REGIMENTAL - SEGURO - ALEGAÇÃO DE DOENÇA PRÉ-EXISTENTE - MÁ-FÉ - REEXAME DE PROVA SÚMULA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO ARNALDO ESTEVES LIMA EMENTA PREVIDENCIÁRIO. APOSENTADORIA. CONTAGEM DE TEMPO DE SERVIÇO EXERCIDO EM CONDIÇÕES ESPECIAIS. COMPROVAÇÃO POR MEIO DE FORMULÁRIO PRÓPRIO. POSSIBILIDADE ATÉ

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 781.703 - RS (2005/0152790-8) RELATOR RECORRENTE RECORRIDO ADVOGADO : MINISTRO ARNALDO ESTEVES LIMA : UNIÃO : MARCOS ROBERTO SILVA DE ALMEIDA E OUTROS : WALDEMAR MARQUES E OUTRO EMENTA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO MAURO CAMPBELL MARQUES RECORRENTE : FAZENDA NACIONAL : PROCURADORIA-GERAL DA FAZENDA NACIONAL RECORRIDO : SIAM ALIMENTOS LTDA E OUTRO : MARCELO DE LIMA CASTRO DINIZ E OUTRO(S) EMENTA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça : UNIMED DE ARAÇATUBA - COOPERATIVA DE TRABALHO MÉDICO EMENTA PLANO DE SAÚDE. INADIMPLÊNCIA DO SEGURADO SUPERIOR A 60 (SESSENTA) DIAS. NOTIFICAÇÃO PRÉVIA. RESCISÃO UNILATERAL. POSSIBILIDADE. 1. A rescisão

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 575.590 - RS (2003/0130567-7) RELATOR : MINISTRO TEORI ALBINO ZAVASCKI RECORRENTE : ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADOR : LUCIANA MABILIA MARTINS E OUTROS RECORRIDO : BANCO DO BRASIL

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça EMENTA FALÊNCIA. HABILITAÇÃO DE CRÉDITO. CONTRIBUIÇÃO PARAFISCAL DEVIDA AO SENAI. POSSIBILIDADE. 1. De acordo com a jurisprudência desta Corte, a possibilidade de cobrança do crédito por meio de execução

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 593.196 - RS (2003/0164484-3) RELATOR : MINISTRO HÉLIO QUAGLIA BARBOSA EMENTA RECURSO ESPECIAL. SEGURO. ATRASO NO PAGAMENTO DOS VALORES DEVIDOS PELA SEGURADORA. LUCROS CESSANTES. OCORRÊNCIA.

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO CASTRO MEIRA ADVOGADO : LUIZ ANTÔNIO MUNIZ MACHADO E OUTRO(S) EMENTA DIREITO SINDICAL. CONTRIBUIÇÃO SINDICAL RURAL. ART. 8º, IV, DA CF/88. COMPETÊNCIA DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL. PUBLICAÇÃO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no AgRg no RECURSO ESPECIAL Nº 1.451.602 - PR (2014/0100898-3) RELATOR : MINISTRO HUMBERTO MARTINS AGRAVANTE : MTD COMÉRCIO LTDA ADVOGADOS : CHRISTIANO MARCELO BALDASONI CRISTIANO CEZAR SANFELICE

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 772.818 - RS (2005/0132229-4) RELATOR : MINISTRO CASTRO FILHO RECORRENTE : LUCIANA GHELLER LUQUE ENGEL ADVOGADO : PAULO RICARDO DUARTE DE FARIAS E OUTRO RECORRIDO : BOURBON ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 615.423 - RJ (2004/0092282-6) RELATORA AGRAVANTE AGRAVADO : MINISTRA NANCY ANDRIGHI : CRISTIANE ALVES LIMA : RODRIGO BOUSQUET VIANA E OUTROS : UNIBANCO UNIÃO DE BANCOS

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO MAURO CAMPBELL MARQUES RECORRENTE : MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE SÃO PAULO RECORRIDO : MUNICÍPIO DE SÃO JOSÉ DO RIO PRETO : WALDNER F DA SILVA INTERES. : MANOEL ALVES FERRASOL : MARCO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 996.613 - ES (2007/0244394-3) RELATOR : MINISTRO HUMBERTO MARTINS RECORRENTE : ESTADO DO ESPÍRITO SANTO PROCURADOR : RAFAEL INDUZZI DREWS E OUTRO(S) RECORRIDO : COLATINA DIESEL LTDA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça EMBARGOS DE DIVERGÊNCIA EM RESP Nº 134.778 - MG (2000/0136693-9) RELATOR : MINISTRO CESAR ASFOR ROCHA EMBARGANTE : SÃO BENEDITO AGROPECUÁRIA S/A ADVOGADO : FERNANDO NEVES DA SILVA E OUTROS EMBARGADO :

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.072.988 - MG (2008/0153048-9) RELATOR : MINISTRO SIDNEI BENETI RECORRENTE : CATALÃO VEÍCULOS LTDA ADVOGADO : ANALUCIA COUTINHO MALTA E OUTRO(S) RECORRIDO : CLEUZA MARIA BORGES ADVOGADO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.322.914 - PR (2012/0097003-6) RELATORA RECORRENTE RECORRIDO ADVOGADA S : MINISTRA NANCY ANDRIGHI : ROBERTO GETULIO MAGGI : CARLOS FREDERICO REINA COUTINHO E OUTRO(S) : SUL AMÉRICA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.061.500 - RS (2008/0119719-3) RELATOR : MINISTRO SIDNEI BENETI RECORRENTE : BANCO CITIBANK S/A ADVOGADO : EDUARDO GRAEFF E OUTRO(S) RECORRIDO : ADELINA FARINA RUGA ADVOGADO : MARCOS

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 467.343 - PR (2002/0105069-3) RELATOR : MINISTRO RUY ROSADO DE AGUIAR RECORRENTE : ADILSON OTTMAR DE SOUZA ADVOGADO : SANDRO BALDUINO MORAIS E OUTRO RECORRIDO : LUIZ EDMUNDO GALVEZ

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO CASTRO MEIRA AGRAVANTE : ONDREPSB LIMPEZA E SERVIÇOS ESPECIAIS LTDA ADVOGADO : IVAR LUIZ NUNES PIAZZETA E OUTRO(S) AGRAVADO : FAZENDA NACIONAL PROCURADORES : ANGELA T GOBBI ESTRELLA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 437.853 - DF (2002/0068509-3) RELATOR : MINISTRO TEORI ALBINO ZAVASCKI RECORRENTE : FAZENDA NACIONAL PROCURADOR : DANIEL AZEREDO ALVARENGA E OUTROS RECORRIDO : ADVOCACIA BETTIOL S/C

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 908.764 - MG (2006/0268169-1) RELATOR : MINISTRO HUMBERTO MARTINS RECORRENTE : MUNICÍPIO DE SANTA LUZIA ADVOGADO : JOSÉ RUBENS COSTA E OUTRO(S) RECORRIDO : MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 966.736 - RS (2007/0152846-0) RELATOR : MINISTRO NAPOLEÃO NUNES MAIA FILHO RECORRENTE : PAULO GILBERTO ALTMANN ADVOGADO : ANDRE ROBERTO MALLMANN RECORRIDO : INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATORA : MINISTRA ELIANA CALMON EMENTA TRIBUTÁRIO IMPOSTO DE RENDA SOBRE VERBAS INDENIZATÓRIAS TRÂNSITO EM JULGADO FAVORÁVEL AO CONTRIBUINTE LEVANTAMENTO DE DEPÓSITO POSSIBILIDADE. 1. Reconhecida, por

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 467.878 - RJ (2002/0127403-7) RELATOR : MINISTRO RUY ROSADO DE AGUIAR EMENTA RESPONSABILIDADE CIVIL. Hospital. Santa Casa. Consentimento informado. A Santa Casa, apesar de ser instituição

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 712.998 - RJ (2004/0180932-3) RELATOR : MINISTRO HERMAN BENJAMIN RECORRENTE : MUNICÍPIO DO RIO DE JANEIRO PROCURADOR : MARIANA RODRIGUES KELLY E SOUSA E OUTRO(S) RECORRIDO : ADELINO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 468.333 - MS (2002/0108270-6) RELATOR : MINISTRO LUIS FELIPE SALOMÃO RECORRENTE : BANCO DO BRASIL S/A ADVOGADO : GILBERTO EIFLER MORAES E OUTRO(S) RECORRIDO : LEODARCY DA SILVA ANGELIERI

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 716.939- RN(2005/0005605-5) RELATOR : MINISTRO HERMAN BENJAMIN RECORRENTE : MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL RECORRIDO : SIBRA EMPREENDIMENTOS S/A ADVOGADO : RAULINO SALES SOBRINHO E OUTRO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.237.894 - MT (2011/0026945-1) RELATOR : MINISTRO SIDNEI BENETI RECORRENTE : BANCO DO BRASIL S/A ADVOGADO : NAGIB KRUGER E OUTRO(S) RECORRIDO : SUSSUMO SATO E OUTRO ADVOGADO : GILMAR

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO JOÃO OTÁVIO DE NORONHA EMENTA PREVIDENCIÁRIO. CONTRIBUIÇÃO. SAT. ATIVIDADE PREPONDERANTE. SERVIÇO PÚBLICO. ATIVIDADE BUROCRÁTICA. MUNICÍPIO. PREFEITURA. LITIGÂNCIA DE MÁ-FÉ. ART. 17,

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO HUMBERTO GOMES DE BARROS RECORRENTE : METALMÓOCA COMÉRCIO E INDÚSTRIA LTDA ADVOGADO : BRUNO MARCELO RENNÓ BRAGA E OUTROS RECORRIDO : NOVA AMÉRICA FACTORING LTDA ADVOGADO : MAURÍCIO PERUCCI

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO HERMAN BENJAMIN RECORRENTE : FAZENDA NACIONAL PROCURADOR : LUIZ FERNANDO JUCÁ FILHO E OUTRO(S) RECORRIDO : ANA CRISTINA CANET OSÓRIO DE ALMEIDA ADVOGADO : ADILSON GABARDO EMENTA TRIBUTÁRIO.

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 907.718 - ES (2006/0266103-0) RELATORA : MINISTRA NANCY ANDRIGHI RECORRENTE : LUCIANO DA SILVA MAYRINK ADVOGADO : LUCIANA MARQUES DE ABREU JÚDICE E OUTRO(S) RECORRIDO : ASSOCIAÇÃO DE

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça EMBARGOS DE DIVERGÊNCIA EM AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL Nº 342.463 - SC (2014/0101370-3) RELATOR EMBARGANTE EMBARGADO : MINISTRO BENEDITO GONÇALVES : IPB CORRETORA DE SEGUROS LTDA : RAPHAEL DOS SANTOS BIGATON

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no RECURSO ESPECIAL Nº 1.246.396 - RS (2011/0066530-4) RELATOR AGRAVANTE AGRAVADO : MINISTRO PAULO DE TARSO SANSEVERINO : LIBERTY PAULISTA SEGUROS S/A : ANGELINO LUIZ RAMALHO TAGLIARI E OUTRO(S) :

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 897.205 - DF (2006/0235733-6) RELATOR : MINISTRO HUMBERTO MARTINS RECORRENTE : VOLKSWAGEN LEASING S/A - ARRENDAMENTO MERCANTIL ADVOGADO : VINICIUS OLLIVER DOMINGUES MARCONDES E OUTROS

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 864.760 - GO (2006/0145586-0) RELATORA : MINISTRA JANE SILVA (DESEMBARGADORA CONVOCADA DO TJ/MG) RECORRENTE : UNIÃO RECORRIDO : SALVADOR LAUREANO DE ASSUNÇÃO ADVOGADO : LÁZARO SOBRINHO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 494.366 - PE (2002/0172296-0) RELATOR : MINISTRO JOÃO OTÁVIO DE NORONHA RECORRENTE : COOPERATIVA DE SERVIÇOS MÉDICOS GRUPO MATERNO INFANTIL DE PERNAMBUCO ADVOGADO : CARLOS ALBERTO AQUINO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.241.305 - RS (2011/0045666-6) RELATORA RECORRENTE RECORRIDO : MINISTRA NANCY ANDRIGHI : MARILENE MARCHETTI : GENÉZIO RAMPON : SEGURADORA LÍDER DOS CONSÓRCIOS DO SEGURO DPVAT S/A :

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 660.284 - SP (2004/0071142-4) RELATORA RECORRENTE RECORRIDO : MINISTRA NANCY ANDRIGHI : PANAMERICANO ARRENDAMENTO MERCANTIL S/A : MANUEL MAGNO ALVES E OUTROS : ALEXANDRE ALMADA DANTAS

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO ARNALDO ESTEVES LIMA EMENTA DIREITO ADMINISTRATIVO. RECURSO ESPECIAL. MILITAR. "AJUDA-DE-CUSTO". MUDANÇA TEMPORÁRIA DE SEDE. POSSIBILIDADE. "INDENIZAÇÃO DE TRANSPORTE". MUDANÇA DE DOMICÍLIO.

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 1.218.980 - RS (2009/0152036-0) RELATOR : MINISTRO CASTRO MEIRA EMENTA PROCESSUAL CIVIL E ADMINISTRATIVO. AÇÃO CIVIL PÚBLICA. AGRAVO REGIMENTAL. VIOLAÇÃO DO ART. 535, INCISO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATÓRIO O EXMO. SR. MINISTRO RICARDO VILLAS BÔAS CUEVA (Relator): Trata-se de recurso especial interposto contra acórdão proferido pelo Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo assim ementado: "Exceção

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.153.218 - SP (2009/0135019-3) RELATORA : MINISTRA NANCY ANDRIGHI EMENTA PROCESSO CIVIL. REPRESENTAÇÃO PROCESSUAL. CÓPIA DE PROCURAÇÃO. INSTRUMENTO PÚBLICO. PRESUNÇÃO DE VALIDADE.

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça S EMENTA CIVIL E PROCESSUAL CIVIL. AGRAVO REGIMENTAL NO AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL. PLANO DE SAÚDE. AÇÃO DE INDENIZAÇÃO. CIRURGIA BARIÁTRICA. PEDIDO MÉDICO. NEGATIVA DE AUTORIZAÇÃO. DANO MORAL. DECISÃO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO HUMBERTO GOMES DE BARROS RECORRENTE : AGRÍCOLA FRAIBURGO S/A ADVOGADO : LUIZ EDGARD MONTAURY PIMENTA E OUTRO(S) RECORRIDO : SOCIÉTÉ DES PRODUITS NESTLÉ S/A ADVOGADO : ROBERTO MAURÍCIO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no RECURSO ESPECIAL Nº 1.171.486 - SP (2009/0239644-0) RELATOR AGRAVANTE AGRAVADO : MINISTRO MARCO BUZZI EMENTA AGRAVO REGIMENTAL - AÇÃO DE COBRANÇA - ASSOCIAÇÃO DE MORADORES - PAGAMENTO DE TAXA DE

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 972.075 - SC (2007/0178356-6) RELATOR : MINISTRO TEORI ALBINO ZAVASCKI ADVOGADO : DANTE AGUIAR AREND E OUTRO(S) EMENTA PROCESSUAL CIVIL E TRIBUTÁRIO. RECURSO ESPECIAL. VIOLAÇÃO AO ART.

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 627.970 - RJ (2004/0015047-6) RELATORA : MINISTRA ELIANA CALMON EMENTA TRIBUTÁRIO - ICMS - IMPORTAÇÃO - DESEMBARAÇO ADUANEIRO - COMPROVANTE DE RECOLHIMENTO, ISENÇÃO OU NÃO-INCIDÊNCIA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL N 255.637 - PB (2000/0037766-0) RELATOR RECORRENTE ADVOGADO RECORRIDO ADVOGADO : MINISTRO CESAR ASFOR ROCHA : REAL CORRETORA DE SEGUROS LTDA : MARCELO FIGUEIREDO E OUTROS : HELOLSA HELENA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 957.245 - RJ (2007/0227082-3) RELATÓRIO O EXMO. SR. MINISTRO ALDIR PASSARINHO JUNIOR: Cargolux Airlines Internacional S/A opõe agravo regimental contra decisão com o seguinte

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 1.249.348 - SP (2009/0224656-2) RELATOR : MINISTRO BENEDITO GONÇALVES AGRAVANTE : FUNDAÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO - FDE S : RITA DE CÁSSIA ALVES COCCO SANDRA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça EDcl no AgRg no RECURSO ESPECIAL Nº 1.157.106 - MT (2009/0162827-3) RELATOR EMBARGANTE EMBARGADO : MINISTRO BENEDITO GONÇALVES : ROGÉRIO LUIZ GALLO E OUTRO(S) : DANIELA ALLAM GIACOMET GUSTAVO DO AMARAL

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.194.905 - PR (2010/0090634-1) RELATORA : MINISTRA ELIANA CALMON EMENTA RECURSO ESPECIAL MATRÍCULA EM ESTABELECIMENTO PÚBLICO DE ENSINO CRITÉRIO DE GEORREFERENCIAMENTO PONDERAÇÃO INTERPRETAÇÃO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO EM HABEAS CORPUS Nº 21.628 - SP (2007/0158779-3) RELATORA : MINISTRA LAURITA VAZ RECORRENTE : AGOSTINHO FERRAMENTA DA SILVA JÚNIOR ADVOGADO : JULIANA FERRAMENTA DA SILVA RECORRIDO : TRIBUNAL DE

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 550.302 - DF (2003/0167033-6) RELATOR : MINISTRO ALDIR PASSARINHO JUNIOR AGRAVANTE : JOÃO DA SILVA CARNEIRO ADVOGADO : ADILSON RAMOS E OUTRO AGRAVADO : GISELE EVELEEN HRDINA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.409.688 - SP (2013/0336707-5) RELATOR : MINISTRO HERMAN BENJAMIN RECORRENTE : FAZENDA NACIONAL ADVOGADO : PROCURADORIA-GERAL DA FAZENDA NACIONAL RECORRIDO : EDS ELECTRONIC DATA SYSTEMS

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.087.601 - GO (2008/0199580-8) RELATOR : MINISTRO MASSAMI UYEDA RECORRENTE : RANDON ADMINISTRADORA DE CONSÓRCIOS LTDA ADVOGADO : ROBERTA BASSO CANALE E OUTRO(S) RECORRIDO : ARNO BRUNO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.133.495 - SP (2009/0065395-1) RELATOR RECORRENTE RECORRIDO : MINISTRO MASSAMI UYEDA : JOAQUIM GANÂNCIA DOS SANTOS E OUTRO : ROBERTO SUGAYA E OUTRO : ERNESTO PEREIRA E OUTROS : SEM

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL Nº 426.242 - RS (2013/0370295-0) RELATOR : MINISTRO HERMAN BENJAMIN EMENTA PROCESSUAL CIVIL. TRIBUTÁRIO. COFINS. EMPRESAS CORRETORAS DE SEGUROS. MAJORAÇÃO DA ALÍQUOTA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no AgRg no RECURSO ESPECIAL Nº 704.881 - RS (2004/0126471-0) RELATOR : MINISTRO HERMAN BENJAMIN AGRAVANTE : TRANSPORTADORA DE CARGAS MERCOSUL LTDA ADVOGADO : CLÁUDIO LEITE PIMENTEL E OUTRO(S) AGRAVADO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL Nº 89.695 - RS (2011/0212549-1) RELATOR : MINISTRO MAURO CAMPBELL MARQUES EMENTA PROCESSUAL CIVIL. TRIBUTÁRIO. ISS. BASE DE CÁLCULO. SERVIÇO DE TRANSPORTE COLETIVO MUNICIPAL.

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.189.173 - AC (2010/0066643-5) RELATOR : MINISTRO MAURO CAMPBELL MARQUES RECORRENTE : MUNICÍPIO DE RIO BRANCO PROCURADOR : JOSENEY CORDEIRO DA COSTA E OUTRO(S) RECORRIDO : IMOBILIÁRIA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 1.420.880 - PE (2011/0125824-8) RELATOR : MINISTRO NAPOLEÃO NUNES MAIA FILHO AGRAVANTE : FAZENDA NACIONAL : PROCURADORIA-GERAL DA FAZENDA NACIONAL AGRAVADO : ACUMULADORES

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO CASTRO MEIRA AGRAVANTE : INSTITUTO NACIONAL DE COLONIZAÇÃO E REFORMA AGRÁRIA - INCRA INTERES. : MARIA DE HOLANDA E SILVA E OUTROS EMENTA ADMINISTRATIVO. AGRAVO REGIMENTAL. DESAPROPRIAÇÃO.

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 476.713 - DF (2002/0152167-8) RELATOR : MINISTRO SÁLVIO DE FIGUEIREDO TEIXEIRA RECORRENTE : LA CARNE COMÉRCIO E REPRESENTAÇÃO DE GÊNEROS ALIMENTÍCIOS LTDA ADVOGADO : DARCY MARIA GONÇALVES

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 976.125 - SP (2007/0182780-3) RELATORA : MINISTRA NANCY ANDRIGHI EMENTA Direito civil. Lei 9.656/98. Demissão, sem justa causa, de aposentado que participou, por mais de dez anos, de

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 905.986 - RJ (2006/0261051-7) RELATOR : MINISTRO ALDIR PASSARINHO JUNIOR RECORRENTE : T B G E OUTROS ADVOGADO : ARMANDO SILVA DE SOUZA E OUTRO(S) RECORRIDO : M K DA S G ADVOGADO : SABRINA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 963.454 - SC (2007/0143805-5) RELATOR RECORRENTE ADVOGADOS RECORRIDO PROCURADOR INTERES. : MINISTRO PAULO DE TARSO SANSEVERINO : LIBERTY PAULISTA SEGUROS S/A : SÉRGIO ALEXANDRE SODRÉ

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 866.249 - SP (2006/0131792-5) RELATORA : MINISTRA NANCY ANDRIGHI EMENTA CIVIL E PROCESSUAL CIVIL. PREJUDICIALIDADE EXTERNA ENTRE AÇÃO POSSESSÓRIA E USUCAPIÃO ESPECIAL URBANO. INEXISTÊNCIA.

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça EDcl no RECURSO ESPECIAL Nº 1.316.149 - SP (2012/0059884-0) RELATOR : MINISTRO PAULO DE TARSO SANSEVERINO EMBARGANTE : ÁFRICA SÃO PAULO PUBLICIDADE LTDA ADVOGADOS : ANDRÉ LUIZ SOUZA DA SILVEIRA RODRIGO

Leia mais

TURMA RECURSAL ÚNICA J. S. Fagundes Cunha Presidente Relator

TURMA RECURSAL ÚNICA J. S. Fagundes Cunha Presidente Relator RECURSO INOMINADO Nº 2006.3281-7/0, DO JUIZADO ESPECIAL CÍVEL DA COMARCA DE FAZENDA RIO GRANDE RECORRENTE...: EDITORA ABRIL S/A RECORRIDO...: RAFAELA GHELLERE DAL FORNO RELATOR...: J. S. FAGUNDES CUNHA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça EDcl no AgRg no AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 1.087.718 - RS (2008/0180703-0) RELATOR : MINISTRO FRANCISCO FALCÃO EMBARGANTE : WERNER CANTALÍCIO JOÃO BECKER E OUTRO(S) EMBARGADO : MARIA DAS GRACAS MACHADO DE

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no RECURSO ESPECIAL Nº 1.015.473 - RS (2007/0299452-2) RELATOR : MINISTRO NAPOLEÃO NUNES MAIA FILHO AGRAVANTE : SIMONE DAI PRA ZAMIN ADVOGADO : FELIPE NÉRI DRESCH DA SILVEIRA E OUTRO(S) AGRAVADO :

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg na CARTA ROGATÓRIA Nº 4.289 - EX (2009/0147390-0) RELATOR AGRAVANTE ADVOGADO JUSROGANTE : MINISTRO PRESIDENTE DO STJ : ANTÓNIO CARLOS DA COSTA PEREIRA : NIVALDO MIGLIOZZI : TRIBUNAL JUDICIAL DE SANTA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.054.847 - RJ (2008/0099222-6) RELATOR RECORRENTE ADVOGADO RECORRIDO REPR. POR RECORRIDO ADVOGADO : MINISTRO LUIZ FUX : TEREZINHA FUNKLER : LÍDIA MARIA SCHIMMELS E OUTRO(S) : BANCO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.291.738 - RS (2011/0116562-4) RECORRENTE RECORRIDO : JORGE FERNANDES FLOR : ANDRÉ FERNANDES ESTEVEZ E OUTRO(S) : BRASIL TELECOM S/A : CAROLINA DUARTE VENDRUSCOLO E OUTRO(S) RELATÓRIO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça EDcl no AgRg no RECURSO ESPECIAL Nº 1.046.929 - RS (2008/0077453-0) RELATOR : MINISTRO HUMBERTO MARTINS EMBARGANTE : CRISTAL FORM INDUSTRIA E COMERCIO DE EMBALAGENS LTDA ADVOGADO : EDISON FREITAS DE SIQUEIRA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.036.818 - RS (2008/0046457-0) RECORRENTE : BANCO GE CAPITAL S/A ADVOGADO : MÁRIO DE FREITAS MACEDO FILHO E OUTRO(S) RECORRIDO : ADROALDO KLAUS DOS SANTOS ADVOGADO : EDUARDO CESTARI

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.039.784 - RS (2008/0055814-3) RELATOR : MINISTRO HERMAN BENJAMIN RECORRENTE : CORCEL CORRETORA DE SEGUROS LTDA ADVOGADO : JOSÉ FRANCISCO SASSONE EDOM RECORRIDO : FAZENDA NACIONAL

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 957.757 - SC (2007/0127539-7) RELATORA RECORRENTE : MINISTRA NANCY ANDRIGHI : MARIA DO CARMO MARTINS ANGELO : JOÃO JANNIS JUNIOR E OUTRO(S) : CAIXA SEGURADORA S/A : VALTER FISCHBORN

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL Nº 719.474 - SP (2015/0125771-3) RELATOR AGRAVANTE PROCURADOR AGRAVADO : MINISTRO BENEDITO GONÇALVES : MUNICIPIO DE GUARULHOS : ANA PAULA HYROMI YOSHITOMI : CECÍLIA CRISTINA

Leia mais