PLANO DE TRABALHO. Avenida José Fuedd Sebba, nº 1.170, Jardim Goiás, Estádio Serra Dourada, Ala Norte GERÊNCIA DE CONTRATOS E CONVÊNIO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PLANO DE TRABALHO. Avenida José Fuedd Sebba, nº 1.170, Jardim Goiás, Estádio Serra Dourada, Ala Norte GERÊNCIA DE CONTRATOS E CONVÊNIO"

Transcrição

1 1- IDENTIFICAÇÃO DO PROJETO TÍTULO: MODALIDADES 1.1 IDENTIFICAÇÃO DO PROPONENTE - PESSOA JURÍDICA Entidade: CNPJ: Endereço: Município/UF: CEP: Telefone: REPRESENTANTE LEGAL DO PROPONENTE Dirigente: Cargo: C.I / Órgão Expedidor Função: CPF Endereço Residencial: Cidade: UF: CEP : Telefone: Fax: 1.3 RESPONSÁVEL PELA PRESTAÇÃO DE CONTAS (INDICADO PELO PROPONENTE) Nome: C.I / Órgão Expedidor CPF Conhecimento: Fones: IDENTIFICAÇÃO DA CONCEDENTE Órgão/Entidade Concedente AGENCIA GOIANA DE ESPORTE E LAZER Endereço Avenida José Fuedd Sebba, nº 1.170, Jardim Goiás, Estádio Serra Dourada, Ala Norte Cidade Goiânia - GO Nome do Responsável JOSÉ ROBERTO DE ATHAYDE FILHO Cargo/Função PRESIDENTE CI/Órgão Exp SSP.GO C.P.F Agente Fiscalizador GERÊNCIA DE CONTRATOS E CONVÊNIO Endereço Nome do Responsável Cargo/Função CI/Órgão Exp. C.P.F BREVE DESCRIÇÃO DO PÚBLICO BENEFICIÁRIO Público Alvo: Faixa etária dos alunos e atletas: 1

2 2. APRESENTAÇÃO DA ENTIDADE PROPONENTE PLANO DE TRABALHO 3. JUSTIFICATIVA Através da redação da Lei nº , de 2011 os recursos do Ministério do Esporte serão aplicados conforme dispuser o Plano Nacional do Desporto, observado o disposto nesta Seção: 3 o A parcela repassada aos Estados e ao Distrito Federal na forma do 2 o será aplicada integralmente em atividades finalísticas do esporte, sendo pelo menos 50% (cinqüenta por cento) investidos em projetos apresentados pelos Municípios ou, na falta de projetos, em ações governamentais em benefício dos Municípios. A falta de recursos que inviabiliza toda e qualquer tentativa de desenvolver atletas de nível nacional. Buscar o apoio financeiro através do plano de trabalho que a AGEL oferece é sem dúvida, uma grande oportunidade para muitos alunos e atletas a continuarem seu trabalho de desenvolvimento técnico e tático, buscando sempre melhorar seus desempenhos nas competições, tornando-se aptos a representar cada vez melhor sua cidade, seu estado e seu país. O plano de trabalho em apreço foi elaborado objetivando o acesso a pratica esportiva dentro do núcleo escolar por meio de atividades de caráter complementar, com finalidade de colaborar para a inclusão social, bem estar físico, promoção da saúde e desenvolvimento de crianças e adolescente, em situação de vulnerabilidade social. Ou seja, sua tarefa é assegurar o acesso de todos a atividades esportivas e de lazer, como parte do compromisso dos governantes e parceiros, de contribuir para a redução do quadro de injustiças, exclusão que aflige boa parte da população brasileira. Leva-se em conta, que o esporte e o lazer são questões de Estado e Municípios, a Constituição da República do Brasil em seu artigo 217 e 227, institui como dever do Estado o fomento de práticas desportivas bem como de absoluto apoio e de responsabilidade a educação, lazer e profissionalização da criança e do adolescente. A lei 9.615/98 assegura ainda que todos os valores oriundos do Ministério do Esporte devem seguir a redação dada pelo seu artigo 7º, in fine. Assim este plano de trabalho tem o viés de promoção de jogos escolares, a compra de materiais esportivos e demais equipamentos para ser gasto em benefício do desporto escolar ou ainda de reformas de ginásios e quadras de esportes de prática de desporto escolar. 4. OBJETO DO PROJETO O objeto do presente Plano de trabalho é o repasse de auxílio financeiro no valor de R$ ( valor em numeral) (valor por extenso)para o desenvolvimento de ( descrever o tipo de atividade esportiva a ser desenvolvida). Período de Execução: A partir da assinatura do Plano de Trabalho até 31/12/ OBJETIVOS Geral: Repassar recurso da lei nº , de 2011 na ordem de R$ ( valor em numeral) (valor por extenso), para o Município( nome do município) do Estado de Goiás para desenvolver atividades ligadas ao desporto escolar, atendendo (n.º ) de crianças/adolescentes. Objetivos Específicos: - Promover a difusão do conhecimento e conteúdos do Desporto Escolar; Oferecer prática esportiva de qualidade voltada ao Desporto escolar; Despertar a consciência da prática esportiva como atividade necessária ao bem estar individual e coletivo. - Contribuir para o desenvolvimento humano, em busca de qualidade de vida; Contribuir para o processo de inclusão educacional e social. - Garantir recursos humanos qualificados e permanentes para coordenar e ministrar as atividades esportivas; Promover hábitos saudáveis para crianças, adolescentes e familiares, também higiene, saúde e alimentação. - Estimular crianças e adolescentes manter uma interação efetiva em torno de práticas esportivas saudáveis orientadas ao 2

3 processo de desenvolvimento da cidadania. PLANO DE TRABALHO 5. METAS Atender ( n.º ) de crianças/adolescentes dentro das modalidades especificadas, neste Plano de Trabalho. 6. CRONOGRAMA Ação JAN FEV MAR ABR MAIO JUNH JULH AGOS SET OUT NOV DEZ Divulgação Cadastro dos Beneficiados Contratação de professores Entrega do Relatório Aquisição de material, Treinamento das equipes Competições das Equipes Encerramento 7. PLANO DAS ATIVIDADES Ação Estruturação Marketing Treinamento Competições Passos Contratação dos profissionais para assumir o comando técnico das equipes. Identificação dos espaços para realização das atividades desportivas. Contratação de serviços. Ações de divulgação junto à imprensa especializada através de visitas pessoais e envio de release. Participação dos alunos do núcleo esportiva para competirem. Uniformização para os desportistas. Aulas e desenvolvimentos de atividades táticas para aperfeiçoamento das modalidades praticadas no Desporto escolar, bem como aulas, simpósios, seminários, congressos e afins para formação do profissional que desenvolverá as atividades do Desporto Escolar. Participar das competições do calendário oficial das entidades de Administração esportiva, bem como nas demais competições municipais, proporcionando a todos os desportistas a oportunidade de conquistar os títulos destes eventos, desenvolvendo assim suas qualidades físicas e técnicas. Representar o seu Município e o Estado de Goiás, com responsabilidade e dignidade em todos os eventos Desportivos, difundindo o Desporto Escolar em todas as competições QUADRO HORÁRIO DAS ATIVIDADES VÔLEI (modelo exemplificativo) TURMA LOCAL SEXO DIAS HORÁRIOS ALUNOS Vôlei até 9 anos Quadra 2 - Escolinha Mas/Fem Seg/Qua/Sex 13:15 às 14:15hs 30 Vôlei até 12 anos Quadra 2 - Escolinha Mas/Fem Seg/Qua/Sex 14:15 às 15:15hs 30 Vôlei até 15 anos Quadra 2 - Treinamento Mas/Fem Seg/Qua/Sex 15:15 às 16:15hs 30 Vôlei até 9 anos Quadra 3 - Escolinha Mas/Fem Ter/Qui 8:15 às 9:15hs 30 Vôlei até 12 anos Quadra 3 - Escolinha Mas/Fem Ter/Qui 9:15 às 10:15hs 30 Vôlei até 12 anos Quadra 3 - Escolinha Mas/Fem Ter/Qui 10:15 às 11:15hs 30 Vôlei até 12 anos Quadra 3 - Escolinha Mas/Fem Ter/Qui 13:15 às 14:15hs 30 Vôlei até 12 anos Quadra 3 - Escolinha Mas/Fem Ter/Qui 14:15 às 15:15hs 30 Vôlei até 15 anos Quadra 3 - Treinamento Mas/Fem Ter/Qui 15:15 às 16:15hs 30 Vôlei até 12 anos Quadra 3 - Escolinha Mas/Fem Ter/Qui 17:15 às 18:15hs 30 NÚMERO DE ALUNOS 300 3

4 JUDÔ (modelo exemplificativo) TURMA LOCAL SEXO DIAS HORÁRIOS ALUNOS Judô de 9 anos acima Salão 1 Escolinha Mas/Fem Seg/Qua/Sex 8:30 às 9:30hs 20 Judô ate 8 anos Salão 1 Escolinha Mas/Fem Seg/Qua/Sex 9:30 às 10:30hs 20 Judô ate 12 anos Salão 1 Escolinha Mas/Fem Seg/Qua/Sex 14:30 às 15:30hs 20 Judô de 13 anos acima Salão 1 Escolinha Mas/Fem Seg/Qua/Sex 15:30 às 16:30hs 20 Judô Treinamento Salão 1 Treinamento Mas/Fem Seg/Qua/Sex 16:30 às 17:30hs 20 Judô Treinamento Salão 1 Treinamento Mas/Fem Seg/Qua/Sex 17:30 às 18:30hs 20 Judô Treinamento Salão 1 Treinamento Mas/Fem Seg/Qua/Sex 18:30 às 19:30hs 20 NÚMERO DE ALUNOS FUTSAL (modelo exemplificativo) TURMA LOCAL SEXO DIAS HORÁRIOS ALUNOS 01 Futsal até 8 anos Quadra 1 Escolinha Fem/Masc Seg/Qua/Sex 08:15 às 9:15hs Futsal de 9 anos acima Quadra 1 Escolinha Fem/Masc Seg/Qua/Sex 09:15 às 10:15hs Futsal até 8 anos Quadra 2 Escolinha Fem/Masc Seg/Qua/Sex 08:15 às 9:15hs Futsal de 9 anos acima Quadra 2 Escolinha Fem/Masc Seg/Qua/Sex 09:15 às 10:15hs Futsal até 8 anos Quadra 3 Escolinha Fem/Masc Seg/Qua/Sex 08:15 às 9:15hs Futsal de 9 anos acima Quadra 3 Escolinha Fem/Masc Seg/Qua/Sex 09:15 às 10:15hs Futsal Equipe Sub 7 Quadra 1 Treinamento Fem/Masc Ter/Qui 08:15 às 9:15hs Futsal Equipe Sub 9 Quadra 2 Treinamento Fem/Masc Ter/Qui 08:15 às 9:15hs Futsal Equipe Sub 8 Quadra 1 Treinamento Fem/Masc Ter/Qui 09:15 às 10:15hs Futsal Equipe Sub 10 Quadra 2 Treinamento Fem/Masc Ter/Qui 09:15 às 10:15hs 20 Futsal até 9 Anos Quadra 1 Escolinha Masculino Seg/Qua/Sex 13:15 às 14:15hs 30 Futsal até 12 Anos Quadra 1 Escolinha Masculino Seg/Qua/Sex 14:15 às 15:15hs 30 Futsal até 15 Anos Quadra 1 Escolinha Masculino Seg/Qua/Sex 15:15 às 16:15hs 30 Futsal até 12 Anos Quadra 3 Escolinha Masculino Seg/Qua/Sex 13:15 às 14:15hs 30 Futsal até 12 Anos Quadra 3 Escolinha Feminino Seg/Qua/Sex 14:15 às 15:15hs 30 Futsal até 15 Anos Quadra 3 Escolinha Feminino Seg/Qua/Sex 15:15 às 16:15hs 30 Futsal Treinamento Quadra 3 Escolinha Masculino Seg/Qua/Sex 16:15 às 17:15hs 30 Futsal treinamento Quadra 3 Escolinha Masculino Seg/Qua/Sex 17:15 às 18:15hs 30 Futsal Equipe Sub 17 Quadra 1 Treinamento Feminino Seg/Qua/Sex 16:15 às 17:45hs 20 Futsal Equipe Sub 20 Quadra 2 Treinamento Masculino Seg/Qua/Sex 16:15 à 17:45hs 20 Futsal Equipe Sub 11 Quadra 1 Treinamento Masculino Seg/Qua/Sex 17:45 às 19:15hs 20 Futsal Até 13 Anos Quadra 1 Escolinha Feminino Ter/Qui 13:15 às 14:15hs 30 Futsal até 17 Anos Quadra 1 Escolinha Feminino Ter/Qui 14:15 às 15:15hs 30 Futsal Até 17 Anos Quadra 1 Escolinha Masculino Ter/Qui 15:15 às 16:15hs 30 Futsal Equipe Sub 20 Quadra 1 Treinamento Feminino Ter/Qui 16:15 às 17:45hs 20 Futsal Equipe Sub 17 Quadra 2 Treinamento Masculino Ter/Qui 16:15 às 17:45hs 20 Futsal Equipe Sub 9 Quadra 1 Treinamento Masculino Ter/Qui 17:45 às 19:15hs 20 Futsal Equipe Sub 13 Quadra 2 Treinamento Masculino Ter/Qui 17:45 às 19:15hs 20 NÚMERO DE ALUNOS 730 TOTAL DE ALUNOS

5 9. Plano de Aplicação dos Recursos Proponente 9.1. Recursos Humanos 1 Professor Pessoal Despesas com Recursos Humanos 9.2. Material Esportivo 1 Material Esportivo Material Despesas com Material Esportivo 9.3. Uniformes 1 Uniformes Despesas com Material Esportivo 9.4. Despesas com Reformas de Espaço Esportivos (detalhar as despesas da reforma) 1 08 Despesas com Aluguel de Quadra CUSTO DO PROPONENTE 10. CRONOGRAMA DE DESEMBOLSO DO CONCEDENTE Despesas com Material PARCELA RH Reforma Esportivo Uniformes Valor da parcela do desembolso TOTAL TOTAL DE DESEMBOLSO 11. CRONOGRAMA DE DESEMBOLSO DO PROPONENTE Despesas com Despesas com Despesas com PARCELA Treinamento Viagem Competições Marketing Alimentação em Viagem Valor da parcela do desembolso 1ª 2ª 3ª 4ª 5ª 6ª 7ª 8ª TOTAL R$xxxxxxxxx R$xxxxxxxxx R$xxxxxxxxx R$xxxxxxxxx R$xxxxxxxxx R$xxxxxxxxx R$xxxxxxxxx TOTAL DE DESEMBOLSO: R$xxxxxxxxx 5

6 CUSTO TOTAL DO PROJETO R$xxxxxxxxx 12. RESPONSABILIDADES DO PROPONENTE Providenciar para que os locais estejam em perfeitas condições de uso; Pagamento dos funcionários; Desenvolver o Desporto Escolar; Apresentar mensalmente a frequência e o quantitativo de beneficiados, sendo esta a condição inicial para a prestação de contas; Prestação de contas mensalmente à AGEL; 13. RESPONSABILIDADES DA CONCEDENTE Repassar o valor estipulado pelo Plano de Trabalho; Reunir com a Prefeitura, e/ou Representante legal, corrigindo possíveis alterações no percurso do Plano de Trabalho; 14. PLANO DE MARKETING AÇÃO Uniformização Publicidade FORMA DE EXECUÇÃO Uniformização de todos os alunos com a marca padrão da AGEL e do Estado de Goiás Inserir a logo da AGEL e do Estado de Goiás nos uniformes dos alunos do Desporto Escolar. Veicular em todos os veículos de publicidade da Prefeitura durante os eventos do Desporto escolar a logomarca da AGEL, e do Estado de Goiás. 15. DECLARAÇÃO Na qualidade de representante legal do proponente, declaro para fins de prova junto aos órgãos da Administração Pública, para os efeitos e sob as penas da lei, que inexiste qualquer débito em mora ou situação de inadimplência com as Fazendas Públicas ou qualquer órgão ou entidade da Administração Pública, que impeça a transferência de recursos oriundas de dotações consignadas no orçamento do Município, na forma deste Plano de Trabalho. Pede Deferimento Goiânia-GO, maio de Proponente 16. APROVAÇÃO DO CONCEDENTE Aprovado Concedente Goiânia-GO, de maio de

7 DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA CELEBRAÇÃO DO PRANO DE TRABALHO 1. CERTIDÃO NEGATIVA DE DÉBITOS JUNTO A FAZENDA PÚBLICA MUNICIPAL, ESTADUAL E FEDERAL; 2. FGTS (CERTIDÃO NEGATIVA); 3. CERTIDÃO NEGATIVA DE DÉBITOS TRABALHISTA; 4. DIPLOMAÇÃO DO PREFEITO; 5. ATA DE POSSE DO PREFEITO; 6. DOCUMENTOS PESSOAIS DO PREFEITO (CPF, RG E COMPROVANTE DE ENDEREÇO). 7

FUNDO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE DE BELÉM-PA E DO TESOURO MUNICIPAL EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS- Nº 01/2015

FUNDO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE DE BELÉM-PA E DO TESOURO MUNICIPAL EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS- Nº 01/2015 FUNDO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO DE BELÉM-PA E DO TESOURO MUNICIPAL 1 PREÂMBULO RESOLUÇÃO Nº 05/2015 Publica o Edital de Seleção de Projetos das Organizações Não-Governamentais, a serem apoiados

Leia mais

Anexo I MODELO DE PROJETO DE EVENTOS SELEÇÃO 2012

Anexo I MODELO DE PROJETO DE EVENTOS SELEÇÃO 2012 1 Anexo I MODELO DE PROJETO DE EVENTOS SELEÇÃO 2012 1. NOME DA ONG: NOME DO PROJETO: POPULAÇÃO ALVO: ÁREA GEOGRÁFICA ABRANGIDA PELO PROJETO: (Regiões do estado, do município, bairros, etc) 2. DADOS INSTITUCIONAIS

Leia mais

Plano de Trabalho Com Repasse de Recurso Financeiro

Plano de Trabalho Com Repasse de Recurso Financeiro Plano de Trabalho Com Repasse de Recurso Financeiro 1 - DADOS CADASTRAIS Orgão/ Entidade Proponente CGC Endereço Cidade UF CEP DDD/Telefone E.A. Conta Corrente Banco Agência Praça/Pgto. Nome do Responsável

Leia mais

3 INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO BÁSICO

3 INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO BÁSICO 3 INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO BÁSICO IDENTIFICAÇÃO Nome do projeto Instituição proponente CNPJ/MF da Instituição proponente Responsável pela instituição proponente (nome, CPF, RG, endereço, telefone,

Leia mais

Fluxo do Processo de Convênio, Acordo, Protocolo de Intenções

Fluxo do Processo de Convênio, Acordo, Protocolo de Intenções Fluxo do Processo de Convênio, Acordo, Protocolo de Intenções 1º Passo: A unidade interessada em celebrar o Convênio (ou Acordo ou Protocolo de Intenções) deverá formalizar solicitação abrindo processo,

Leia mais

EXEMPLO PAPEL TIMBRADO DA ENTIDADE REQUERENTE ANEXO II DA RESOLUÇÃO Nº 1.032, DE 30 DE MARÇO DE 2011 MODELO DE PLANO DE TRABALHO

EXEMPLO PAPEL TIMBRADO DA ENTIDADE REQUERENTE ANEXO II DA RESOLUÇÃO Nº 1.032, DE 30 DE MARÇO DE 2011 MODELO DE PLANO DE TRABALHO EXEMPLO PAPEL TIMBRADO DA ENTIDADE REQUERENTE ANEXO II DA RESOLUÇÃO Nº 1.032, DE 30 DE MARÇO DE 2011 MODELO DE PLANO DE TRABALHO 1. DADOS CADASTRAIS (Objetiva registrar os dados cadastrais da entidade

Leia mais

LEI N 094/2012 AUTORIZA O EXECUTIVO MUNICIPAL FIRMAR CONVÊNIO COM O CRUZEIRO ESPORTE CLUBE DE SANTIAGO.

LEI N 094/2012 AUTORIZA O EXECUTIVO MUNICIPAL FIRMAR CONVÊNIO COM O CRUZEIRO ESPORTE CLUBE DE SANTIAGO. LEI N 094/2012 AUTORIZA O EXECUTIVO MUNICIPAL FIRMAR CONVÊNIO COM O CRUZEIRO ESPORTE CLUBE DE SANTIAGO. O PREFEITO MUNICIPAL DE SANTIAGO, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo Art.68, III

Leia mais

C O N V Ê N I O Nº 055/2014

C O N V Ê N I O Nº 055/2014 C O N V Ê N I O Nº 055/2014 Que entre si celebram de um lado o MUNICÍPIO DE ITABIRITO, pessoa jurídica de direito público interno, inscrição no CNPJ sob o nº 18.307.835/0001-54, com endereço a Avenida

Leia mais

PLANO DE TRABALHO 1 DADOS CADASTRAIS. Convenente. Concedente. Nome Agência Gaúcha de Desenvolvimento e Promoção do Investimento

PLANO DE TRABALHO 1 DADOS CADASTRAIS. Convenente. Concedente. Nome Agência Gaúcha de Desenvolvimento e Promoção do Investimento PLANO DE TRABALHO (Anexo a Instrução Normativa CAGE Nº 01/2006) 1 DADOS CADASTRAIS Convenente Órgão/Entidade Proponente Associação Parque Tecnológico de Santa Maria CNPJ 10.639.521/0001-47 Endereço Rua

Leia mais

ESTADO DO PIAUÍ Prefeitura Municipal de Teresina Secretaria Municipal da Juventude SEMJUV GABINETE DO SECRETÁRIO

ESTADO DO PIAUÍ Prefeitura Municipal de Teresina Secretaria Municipal da Juventude SEMJUV GABINETE DO SECRETÁRIO SEMJUV EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS DE JUVENTUDE TERESINA 2013 SEMJUV, pessoa jurídica de direito público, no uso de suas atribuições legais, torna público o presente EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS da

Leia mais

CONSELHO MUNICIPAL DE ASSISTENCIA SOCIAL - CMAS EDITAL 001/2014. Conselho Municipal de Assistência Social- CMAS

CONSELHO MUNICIPAL DE ASSISTENCIA SOCIAL - CMAS EDITAL 001/2014. Conselho Municipal de Assistência Social- CMAS EDITAL 001/2014 Conselho Municipal de Assistência Social- CMAS O CONSELHO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL - CMAS TORNA PÚBLICO O PROCESSO DE SELEÇÃO DE ENTIDADES E ORGANIZAÇÃO DE ASSISTÊNCIA SOCIAL, PROGRAMAS,

Leia mais

ANEXO I SEMAD 3 INDICAÇÃO DO GESTOR 4 MASP/MATRICULA I - IDENTIFICAÇÃO DO CONVENENTE 1 - RAZÃO SOCIAL 2 - CNPJ

ANEXO I SEMAD 3 INDICAÇÃO DO GESTOR 4 MASP/MATRICULA I - IDENTIFICAÇÃO DO CONVENENTE 1 - RAZÃO SOCIAL 2 - CNPJ ANEXO I SEMAD Espaço reservado Nº do Convênio: 1 - RAZÃO SOCIAL SECRETARIA DE ESTADO DE MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL - SEMAD - CNPJ 00.957.404/0001-78 3 INDICAÇÃO DO GESTOR 4 MASP/MATRICULA

Leia mais

ORIENTAÇÕES TÉCNICAS PLANO DE TRABALHO

ORIENTAÇÕES TÉCNICAS PLANO DE TRABALHO ORIENTAÇÕES TÉCNICAS PLANO DE TRABALHO DADOS CADASTRAIS PLANO DE TRABALHO - ENTIDADE ÓRGÃO / ENTIDADE PROPONENTE: CNPJ: ENDEREÇO: ENDEREÇO ELETRÔNICO (E-MAIL): CIDADE: UF: CEP: (DDD) FONE: CONTA CORRENTE:

Leia mais

3. Cronograma. Encaminhamento da solicitação de apoio, formatada conforme Roteiro de elaboração de projetos estabelecido no Anexo I.

3. Cronograma. Encaminhamento da solicitação de apoio, formatada conforme Roteiro de elaboração de projetos estabelecido no Anexo I. PROPOSTA DE EDITAL O Instituto de Compromisso com o Desenvolvimento Humano, fundado aos 09 (nove) dias do mês de Maio de 2007, tendo como objetivo promover o desenvolvimento humano em diversos âmbitos,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PAULO AFONSO SECRETARIA MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL CONSELHO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL

PREFEITURA MUNICIPAL DE PAULO AFONSO SECRETARIA MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL CONSELHO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL Resolução nº 42 de 23 de outubro de 2014. Dispõe sobre o Plano de Reprogramação dos recursos financeiros oriundos de saldo residual do Piso de Alta Complexidade I do co-financiamento federal/2013 da Casa

Leia mais

MODELO: FICHA DE REGISTRO DE ENTIDADE

MODELO: FICHA DE REGISTRO DE ENTIDADE MODELO: FICHA DE REGISTRO DE ENTIDADE A inscrição da Entidade no CMDCA é preconizada no Estatuto da Criança e do Adolescente, Art. 90 em seu parágrafo único e no Art. 91 as entidades não-governamentais

Leia mais

Visconde do Rio Branco-MG, 27 de Agosto de 2013.

Visconde do Rio Branco-MG, 27 de Agosto de 2013. ANEXO IV MODELO DE PLANO DE TRABALHO E PRESTAÇÃO DE CONTAS PREFEITURA MUNICIPAL DE VISCONDE DO RIO BRANCO SECRETARIA MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL Senhor (a) Secretário (a), ASSOCIAÇÃO RECREATIVA

Leia mais

PLANO DE TRABALHO 1/3

PLANO DE TRABALHO 1/3 1 PLANO DE TRABALHO 1/3 1 - DADOS CADASTRAIS Órgão/Entidade Proponente PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO RUA AFONSO CAVALCANTI, 455-13ºANDAR, CIDADE NOVA CNPJ 42498733/0001-48 Cidade RIO DE JANEIRO

Leia mais

C O N V Ê N I O Nº 025/2014

C O N V Ê N I O Nº 025/2014 C O N V Ê N I O Nº 025/2014 Que entre si celebram de um lado o MUNICÍPIO DE ITABIRITO, pessoa jurídica de direito público interno, inscrição no CNPJ sob o nº 18.307.835/0001-54, com endereço a Avenida

Leia mais

Nº / ANO DA PROPOSTA: 090339/2009 DADOS DO CONCEDENTE OBJETO:

Nº / ANO DA PROPOSTA: 090339/2009 DADOS DO CONCEDENTE OBJETO: MINISTERIO DA SAUDE PORTAL DOS CONVÊNIOS SICONV - SISTEMA DE GESTÃO DE CONVÊNIOS Nº / ANO DA PROPOSTA: 090339/2009 OBJETO: DADOS DO CONCEDENTE Produção de materiais instrucionais para curso à distância

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS Nº /2012. Anexo II PROGRAMA DE TRABALHO

EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS Nº /2012. Anexo II PROGRAMA DE TRABALHO EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS Nº /2012 Anexo II PROGRAMA DE TRABALHO Este anexo estabelece o programa de trabalho e resultados para a OSCIP com a fixação de direitos, obrigações, prazos de execução e critérios

Leia mais

EDITAL 07/2015 DE CHAMADA PÚBLICA PARA PROJETOS SOCIAIS - COMDICA

EDITAL 07/2015 DE CHAMADA PÚBLICA PARA PROJETOS SOCIAIS - COMDICA EDITAL 07/2015 DE CHAMADA PÚBLICA PARA PROJETOS SOCIAIS - COMDICA O CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE COMDICA/Sapucaia do Sul, no uso das atribuições legais que lhe confere a

Leia mais

ESTADO DO PIAUÍ Prefeitura Municipal de Teresina Secretaria Municipal da Juventude SEMJUV GABINETE DO SECRETÁRIO

ESTADO DO PIAUÍ Prefeitura Municipal de Teresina Secretaria Municipal da Juventude SEMJUV GABINETE DO SECRETÁRIO SEMJUV EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS DE JUVENTUDE TERESINA 2013 SEMJUV, pessoa jurídica de direito público, no uso de suas atribuições legais, torna público o presente EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS da

Leia mais

MUNICÍPIO DE INDAIAL SANTA CATARINA

MUNICÍPIO DE INDAIAL SANTA CATARINA MUNICÍPIO DE INDAIAL SANTA CATARINA CMDCA - CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE EDITAL Nº 001/ 2011 O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Indaial, torna

Leia mais

MANUAL DE ORIENTAÇÕES TÉCNICAS PARA ELABORAÇÃO DO PLANO DE TRABALHO

MANUAL DE ORIENTAÇÕES TÉCNICAS PARA ELABORAÇÃO DO PLANO DE TRABALHO MANUAL DE ORIENTAÇÕES TÉCNICAS PARA ELABORAÇÃO DO PLANO DE TRABALHO DADOS CADASTRAIS PLANO DE TRABALHO - ENTIDADE ÓRGÃO / ENTIDADE PROPONENTE: CNPJ: ENDEREÇO: ENDEREÇO ELETRÔNICO(E-MAIL): CIDADE: UF: CEP:

Leia mais

PLANO DE TRABALHO 1 - DADOS CADASTRAIS DA UFES

PLANO DE TRABALHO 1 - DADOS CADASTRAIS DA UFES PLANO DE TRABALHO Denominação 1 - DADOS CADASTRAIS DA UFES Endereço AV. FERNANDO FERRARI, 514 CAMPUS UNIVERSITÁRIO - GOIABEIRAS Cidade UF ES CEP 29060-900 DDD/Telefone (27)3335-2222 CNPJ 32.479.123/0001-43

Leia mais

ANEXO I ESPAÇO RESERVADO. Ano: 2009. Nº do Plano: PLANO DE TRABALHO. 5 CEP: 31.130-540 6 DDD/TELEFONE: (31) 2511-1515 9 BANCO: Banco do Brasil - 001

ANEXO I ESPAÇO RESERVADO. Ano: 2009. Nº do Plano: PLANO DE TRABALHO. 5 CEP: 31.130-540 6 DDD/TELEFONE: (31) 2511-1515 9 BANCO: Banco do Brasil - 001 ANEXO I ESPAÇO RESERVADO GOVERNO DO ESTADO DE MINAS GERAIS Ano: 2009 Nº do Plano: PLANO DE TRABALHO Nº do Protocolo: Nº do Convênio: CONCEDENTE 1 - RAZÃO SOCIAL: SECRETARIA DE ESTADO DE DEFESA SOCIAL SEDS

Leia mais

Edital 02/2015 Saldo Remanescente

Edital 02/2015 Saldo Remanescente Edital 02/2015 Saldo Remanescente EDITAL Nº 02/2015 CMDCA EDITAL DE SELEÇÃO PÚBLICA DE PROJETOS PARA FINANCIAMENTO NO ANO DE 2015 O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente CMDCA, no

Leia mais

AUXÍLIOS FINANCEIROS CONVÊNIOS ENTIDADES REGISTRADAS

AUXÍLIOS FINANCEIROS CONVÊNIOS ENTIDADES REGISTRADAS AUXÍLIOS FINANCEIROS CONVÊNIOS ENTIDADES REGISTRADAS Modalidade/Convênios: Repasse de ARTs e Mútua Cooperação (projetos que objetivem o aperfeiçoamento técnico e cultural). Natureza dos Projetos: Pesquisas

Leia mais

EDITAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS MUNICÍPIO DE CAUCAIA-CE

EDITAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS MUNICÍPIO DE CAUCAIA-CE EDITAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS MUNICÍPIO DE CAUCAIA-CE 1. INTRODUÇÃO A ASSOCIAÇÃO BENEFICENTE LUZIA LOPES GADÊLHA, por meio do Termo Convênio nº 05/2015, como parte integrante do Projeto Fortalecendo

Leia mais

C O N V Ê N I O Nº 015/2015

C O N V Ê N I O Nº 015/2015 C O N V Ê N I O Nº 015/2015 Que entre si celebram de um lado o MUNICÍPIO DE ITABIRITO, pessoa jurídica de direito público interno, inscrição no CNPJ sob o nº 18.307.835/0001-54, com endereço a Avenida

Leia mais

PROJETO DE APERFEIÇOAMENTO PROFISSIONAL DOS SERVIDORES QUE ATUAM NO SERVIÇO DE INTELIGÊNCIA POLICIAL. Valor do Convênio

PROJETO DE APERFEIÇOAMENTO PROFISSIONAL DOS SERVIDORES QUE ATUAM NO SERVIÇO DE INTELIGÊNCIA POLICIAL. Valor do Convênio ESTADO DO TOCANTINS SECRETARIA DA SEGURANÇA PÚBLICA PLANO DE TRABALHO CONVÊNIO PROJETO DE APERFEIÇOAMENTO PROFISSIONAL DOS SERVIDORES QUE ATUAM NO SERVIÇO DE INTELIGÊNCIA POLICIAL Valor do Convênio Bens

Leia mais

REUNIÃO DA DIRETORIA APROVA O TEXTO DA PROPOSTA DE REFORMA E CONSOLIDAÇÃO DO ESTATUTO SOCIAL

REUNIÃO DA DIRETORIA APROVA O TEXTO DA PROPOSTA DE REFORMA E CONSOLIDAÇÃO DO ESTATUTO SOCIAL REUNIÃO DA DIRETORIA APROVA O TEXTO DA PROPOSTA DE REFORMA E CONSOLIDAÇÃO DO ESTATUTO SOCIAL A Diretoria da CBC aprovou o texto da proposta de reforma e consolidação do Estatuto Social que tem por objetivo

Leia mais

Brincar de ler e escrever

Brincar de ler e escrever I Edital FNA 2015 Brincar de ler e escrever A Fundação Negro Amor - FNA foi criada em 2008 e, desde então, desenvolve ações na área socioeducativa e cultural, com foco na promoção da educação infantil

Leia mais

X - PLANO DE TRABALHO

X - PLANO DE TRABALHO X - PLANO DE TRABALHO 1 DADOS CADASTRAIS DO PROPONENTE ÓRGÃO/ENTIDADE PROPONENTE Governo do Estado de Pernambuco ENDEREÇO Praça da República, S/N Palácio do Campo das Princesas Santo Antônio CIDADE UF

Leia mais

F4D7 - Solicitação de Convênio para Execução de Projetos e/ou Eventos

F4D7 - Solicitação de Convênio para Execução de Projetos e/ou Eventos Página: 1 de 8 INSTRUÇÕES PARA FIRMAR CONVÊNIO COM O CREA-CE Conforme Art. 25. Serão admitidas para cumprimento do objeto do convênio firmado entre o Crea e a instituição de ensino ou a entidade de classe

Leia mais

EDITAL. Subvenção aos Núcleos Estaduais ODM do Movimento Nacional pela Cidadania e Solidariedade

EDITAL. Subvenção aos Núcleos Estaduais ODM do Movimento Nacional pela Cidadania e Solidariedade EDITAL Subvenção aos Núcleos Estaduais ODM do Movimento Nacional pela Cidadania e Solidariedade 1. Justificativa Geral A Declaração do Milênio deixa clara a importância da participação social ao considerar

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL SEÇÃO JUDICIÁRIA DO RIO DE JANEIRO

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL SEÇÃO JUDICIÁRIA DO RIO DE JANEIRO EDITAL Nº JFRJ-EDT-2015/00176 EDITAL DE EDITAL PÚBLICO DE CADASTRAMENTO E SELEÇÃO DE ENTIDADES (PRAZO DE PRAZO PARA APRESENTAÇÃO DE DOCUMENTOS: ATÉ 01 DE DEZEMBRO DE 2015) O DOUTOR FÁBIO DE SOUZA SILVA,

Leia mais

~ ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL GABINETEDAGOVERNADORA TERMO DE CONVÊNIO N 67/2010

~ ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL GABINETEDAGOVERNADORA TERMO DE CONVÊNIO N 67/2010 ~ GABINETEDAGOVERNADORA TERMO DE CONVÊNIO N 67/2010 Convênio que celebram o PODER EXECUTIVO DO, por intermédio da SECRETARIA DA SEGURANÇA PÚBLICA, com a interveniência da POLíCIA CIVIL, e o MINISTÉRIO

Leia mais

Orientações para preenchimento do Plano de Trabalho específico para o PRONAF Infra-Estrutura e Serviços Municipais

Orientações para preenchimento do Plano de Trabalho específico para o PRONAF Infra-Estrutura e Serviços Municipais PROGRAMA NACIONAL DE FORTALECIMENTO DA AGRICULTURA FAMILIAR Orientações para preenchimento do Plano de Trabalho específico para o PRONAF Infra-Estrutura e Serviços Municipais Brasília, fevereiro de 2004

Leia mais

Portal dos Convênios - SICONV. Inclusão e Envio de Proposta. Manual do Usuário

Portal dos Convênios - SICONV. Inclusão e Envio de Proposta. Manual do Usuário MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE LOGÍSTICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DEPARTAMENTO DE LOGÍSTICA E SERVIÇOS GERAIS Portal dos Convênios - SICONV Inclusão e Envio de Proposta Manual

Leia mais

Bem-vindo a sala de aula do curso: Siconv Transferências voluntárias da União. Facilitador: Fernanda Lyra

Bem-vindo a sala de aula do curso: Siconv Transferências voluntárias da União. Facilitador: Fernanda Lyra Bem-vindo a sala de aula do curso: Siconv Transferências voluntárias da União Facilitador: Fernanda Lyra Horário da Aula: 28 de janeiro - Segunda - das 18h às 20h SICONV TRANSFERÊNCIAS VOLUNTÁRIAS DA UNIÃO

Leia mais

MUNICÍPIO DE MONTES CLAROS MG. SECRETARIA MUNICIPAL DE POLÍTICAS SOCIAIS

MUNICÍPIO DE MONTES CLAROS MG. SECRETARIA MUNICIPAL DE POLÍTICAS SOCIAIS PORTARIA N 035, 10 DE JUNHO DE 2008 DISPÕE SOBRE O EDITAL PARA INSCRIÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS DA REDE EXECUTORA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL DO MUNICÍPIO DE MONTES CLAROS 2.008 O Secretário Municipal de Políticas

Leia mais

LEI Nº. 1826 DE 4 DE MAIO DE 2011

LEI Nº. 1826 DE 4 DE MAIO DE 2011 LEI Nº. 1826 DE 4 DE MAIO DE 2011 "AUTORIZA ASSINATURA DE CONVÊNIO E CONCEDE CONTRIBUIÇÃO CORRENTE ESPECIAL À ASSOCIAÇÃO DESENVOLVIMENTO DAS BANDEIRINHAS & DETERMINA OUTRAS PROVIDÊNCIAS" A Câmara Municipal

Leia mais

PROJETO DE REFORMA, AMPLIAÇÃO E ADAPTAÇÃO DE INFRA-ESTRUTURA FÍSICA NO 2º BATALHÃO DE POLÍCIA MILITAR

PROJETO DE REFORMA, AMPLIAÇÃO E ADAPTAÇÃO DE INFRA-ESTRUTURA FÍSICA NO 2º BATALHÃO DE POLÍCIA MILITAR Governo do Estado do Amapá Secretaria de Estado da Justiça e Segurança Pública PROJETO DE REFORMA, AMPLIAÇÃO E ADAPTAÇÃO DE INFRA-ESTRUTURA FÍSICA NO 2º BATALHÃO DE POLÍCIA MILITAR SET/2008 1. APRESENTAÇÃO

Leia mais

EDITAL 001/2016 Conselho Municipal de Assistência Social

EDITAL 001/2016 Conselho Municipal de Assistência Social EDITAL 001/2016 Conselho Municipal de Assistência Social O CONSELHO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL DE LAGOA VERMELHA CMAS TORNA PÚBLICO O PROCESSO DE SELEÇÃO DE PROGRAMAS, PROJETOS E SERVIÇOS DE ENTIDADES

Leia mais

QUEM PODE HABILITAR-SE NO SICONV?

QUEM PODE HABILITAR-SE NO SICONV? O QUE É SICONV? Criado pelo Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, o SICONV Sistema de Convênio, tem como uma das finalidades, facilitar as apresentações de projetos aos programas ofertados pelo

Leia mais

REDE DE PONTOS DE CULTURA DE GOVERNADOR VALADARES - MG ANEXO III PLANO DE TRABALHO E CRONOGRAMA DE DESEMBOLSO. Plano de Trabalho

REDE DE PONTOS DE CULTURA DE GOVERNADOR VALADARES - MG ANEXO III PLANO DE TRABALHO E CRONOGRAMA DE DESEMBOLSO. Plano de Trabalho ANEXO III PLANO DE TRABALHO E CRONOGRAMA DE DESEMBOLSO 11. ORÇAMENTO Plano de Trabalho ORÇAMENTO - Detalhe aqui os itens de despesa necessários à execução da proposta (meta, etapa ou fase), em conformidade

Leia mais

EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Nº 02/2012 SNBP-FBN X ENTIDADES PÚBLICAS E PRIVADAS SEM FINS LUCRATIVOS

EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Nº 02/2012 SNBP-FBN X ENTIDADES PÚBLICAS E PRIVADAS SEM FINS LUCRATIVOS EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Nº 02/2012 SNBP-FBN X ENTIDADES PÚBLICAS E PRIVADAS SEM FINS LUCRATIVOS SELEÇÃO PÚBLICA DE PROPOSTA PARA PROJETO DE APOIO A INSTALAÇÃO DE BIBLIOTECAS PÚBLICAS NO BRASIL REFERENTE

Leia mais

CHECK LIST PROGRAMA SEGUNDO TEMPO PADRÃO. I. Efetuar o Credenciamento da Entidade no SICONV (via Internet www.convenios.gov.br);

CHECK LIST PROGRAMA SEGUNDO TEMPO PADRÃO. I. Efetuar o Credenciamento da Entidade no SICONV (via Internet www.convenios.gov.br); CHECK LIST PROGRAMA SEGUNDO TEMPO PADRÃO I. Efetuar o Credenciamento da Entidade no SICONV (via Internet www.convenios.gov.br); II. Efetuar o Cadastramento da Entidade no SICONV e validação das informações

Leia mais

Conselho Regional de Educação Física 11ª Região - Mato Grosso do Sul

Conselho Regional de Educação Física 11ª Região - Mato Grosso do Sul Informações necessárias para registro de Pessoa Jurídica: Cópia do comprovante de inscrição no CNPJ atualizado; Cópia da declaração de firma individual ou do contrato social, ata ou estatuto que a constituiu;

Leia mais

MINISTÉRIO DO ESPORTE SECRETARIA NACIONAL DE ESPORTE, EDUCAÇÃO, LAZER E INCLUSÃO SOCIAL

MINISTÉRIO DO ESPORTE SECRETARIA NACIONAL DE ESPORTE, EDUCAÇÃO, LAZER E INCLUSÃO SOCIAL MINISTÉRIO DO ESPORTE SECRETARIA NACIONAL DE ESPORTE, EDUCAÇÃO, LAZER E INCLUSÃO SOCIAL SEPN 511, Bloco A, 2 Andar, Edifício Bittar II - Brasília/DF CEP: 70.758-900 Fone: (61) 3217.9516 Endereço eletrônico:

Leia mais

Prefeitura do Município de Diadema Secretaria de Assistência Social e Cidadania Setor de Monitoramento e Avaliação

Prefeitura do Município de Diadema Secretaria de Assistência Social e Cidadania Setor de Monitoramento e Avaliação USAR PAPEL TIMBRADO DA INSTITUIÇÃO MODELO DE PROPOSTA Diadema, de de 2014. À Comissão Técnica A (nome da entidade) ao participar do edital de chamamento público, por meio da Secretaria de Assistência Social

Leia mais

INSERIR LOGOMARCA DA INSTITUIÇÃO PROPONENTE INSERIR O TÍTULO DO PROJETO

INSERIR LOGOMARCA DA INSTITUIÇÃO PROPONENTE INSERIR O TÍTULO DO PROJETO INSERIR LOGOMARCA DA INSTITUIÇÃO PROPONENTE INSERIR O TÍTULO DO PROJETO O título do projeto deve delimitar a área de abrangência onde as ações serão executadas. Setembro, 2014 1 SUMÁRIO 1. DADOS GERAIS

Leia mais

Relatório emitido em 17/03/2015 10:41:08

Relatório emitido em 17/03/2015 10:41:08 MINISTERIO DA SAUDE PORTAL DOS CONVÊNIOS SICONV - SISTEMA DE GESTÃO DE CONVÊNIOS Nº / ANO DA PROPOSTA: 099186/2013 OBJETO: DADOS DO CONCEDENTE AQUISIÇÃO DE EQUIPAMENTO E MATERIAL PERMANENTE PARA UNIDADE

Leia mais

(em papel timbrado da Prefeitura)

(em papel timbrado da Prefeitura) PLANO DE TRABALHO (em conformidade com o que dispõe o art. 116, 1, da Lei Federal n. 8.666/93) DECLARAÇÃO Na qualidade de representante legal do(a) proponente, DECLARO, perante o Estado de Alagoas, para

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PAULÍNIA

PREFEITURA MUNICIPAL DE PAULÍNIA DOCUMENTOS A SEREM APRESENTADOS: I programa de trabalho proposto pela beneficiária ou exposição das unidades de serviço objeto dos repasses concedidos, avaliado pela Comissão, contendo: a. razões que justifiquem

Leia mais

ANEXO I PROJETO BÁSICO. 2.IDENTIFICAÇÃO DA INSTUIÇÃO PROPONENTE Proponente: GOVERNO DO ESTADO DO ACRE

ANEXO I PROJETO BÁSICO. 2.IDENTIFICAÇÃO DA INSTUIÇÃO PROPONENTE Proponente: GOVERNO DO ESTADO DO ACRE ANEXO I PROJETO BÁSICO 1. IDENTIFICAÇÃO DO PROJETO Título: Música, Comunidade, Polícia e Família Início (mês/ano): Término (mês/ano): Dezembro/2008 Dezembro/2009 2.IDENTIFICAÇÃO DA INSTUIÇÃO PROPONENTE

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA Nº 04/2014 SERVIÇO DE PESSOA JURÍDICA /LOGÍSTICA DE EVENTOS

COTAÇÃO PRÉVIA Nº 04/2014 SERVIÇO DE PESSOA JURÍDICA /LOGÍSTICA DE EVENTOS Rua Francílio Dourado, 11 - Sala 10 Água Fria - Fortaleza, Ceará, Brasil CEP: 60813-660 Telefone: +55 (85) 3114.9658 http://abraca.autismobrasil.org/ COTAÇÃO PRÉVIA Nº 04/2014 SERVIÇO DE PESSOA JURÍDICA

Leia mais

Ações de Adaptação de Comunidades e seus Ecossistemas aos Eventos Climáticos

Ações de Adaptação de Comunidades e seus Ecossistemas aos Eventos Climáticos PROCESSO SELETIVO 2011 Ações de Adaptação de Comunidades e seus Ecossistemas aos Eventos Climáticos REGULAMENTO Prezado Gestor, Criado em 2006, o Instituto HSBC Solidariedade é responsável por gerenciar

Leia mais

AMIM PROJETO SOCIAL FUNDO MUNICIPAL DA ASSISTÊNCIA SOCIAL ORÇAMENTO IDOSO

AMIM PROJETO SOCIAL FUNDO MUNICIPAL DA ASSISTÊNCIA SOCIAL ORÇAMENTO IDOSO AMIM PROJETO SOCIAL FUNDO MUNICIPAL DA ASSISTÊNCIA SOCIAL ORÇAMENTO IDOSO 2016 PLANO DE TRABALHO 1 DADOS CADASTRAIS DO TOMADOR INSTITUIÇÃO PROPONENTE CNPJ AMIM Associação da Melhor Idade de Mandaguari

Leia mais

MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS. Junho, 2006 Anglo American Brasil

MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS. Junho, 2006 Anglo American Brasil MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS Junho, 2006 Anglo American Brasil 1. Responsabilidade Social na Anglo American Brasil e objetivos deste Manual Já em 1917, o Sr. Ernest Oppenheimer, fundador

Leia mais

DESCRIÇÃO DO PROJETO

DESCRIÇÃO DO PROJETO I. CADASTRO DO PROPONENTE 02PR087352011 Proponente: Academia Brasileira de Canoagem CNPJ: 12.502.059/0001-67 E-mail: abracan@live.com Endereço: R. Monsenhor Celso, 231, 6 andar, Centro Telefone(DDD): (41)3083-2600

Leia mais

PROJETO DE REFORMA DA QUADRA DE ESPORTE DO QUARTEL DO COMANDO GERAL DA POLÍCIA MILITAR DO PIAUÍ

PROJETO DE REFORMA DA QUADRA DE ESPORTE DO QUARTEL DO COMANDO GERAL DA POLÍCIA MILITAR DO PIAUÍ PROJETO DE REFORMA DA QUADRA DE ESPORTE DO QUARTEL DO COMANDO GERAL DA POLÍCIA MILITAR DO PIAUÍ Agosto, 2007. - 1 - PROJETO DE REFORMA DA QUADRA DE ESPORTE DO QUARTEL DO COMANDO GERAL DA PMPI 1. JUSTIFICATIVA

Leia mais

Barracões Industriais Orientações aos Municípios

Barracões Industriais Orientações aos Municípios ESTADO DE GOIÁS COMPANHIA DE DISTRITOS INDUSTRIAIS DE GOIÁS - GOIASINDUSTRIAL Barracões Industriais Orientações aos Municípios A. O projeto de barracões industriais será cadastrado pelo município no SICONV

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL SEÇÃO JUDICIÁRIA DO RIO DE JANEIRO

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL SEÇÃO JUDICIÁRIA DO RIO DE JANEIRO EDITAL Nº JFRJ-EDT-2015/00168 EDITAL DE SELEÇÃO DE ENTIDADES, PÚBLICAS OU PRIVADAS, INTERESSADAS EM ACOLHER, GRATUITAMENTE, BENEFICIÁRIOS DE SANÇÃO ALTERNATIVA DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS, E DE SELEÇÃO DE

Leia mais

GRÊMIO RECREATIVO BARUERI CNPJ 59.042.648/0001-73

GRÊMIO RECREATIVO BARUERI CNPJ 59.042.648/0001-73 GRÊMIO RECREATIVO BARUERI CNPJ 59.042.648/0001-73 Site: www.grbesportes.com.br Relatório da Administração Prezados Senhores, A administração do Grêmio Recreativo Barueri submete a sua apreciação o relatório,

Leia mais

C O N V Ê N I O Nº 145/2014

C O N V Ê N I O Nº 145/2014 C O N V Ê N I O Nº 145/2014 Que entre si celebram de um lado o MUNICÍPIO DE ITABIRITO, pessoa jurídica de direito público interno, inscrição no CNPJ sob o nº 18.307.835/0001-54, com endereço a Avenida

Leia mais

Secretaria da Saúde/RS

Secretaria da Saúde/RS Secretaria da Saúde/RS CADASTRO DO ÓRGÃO OU ENTIDADE E DO DIRIGENTE I IDENTIFICAÇÃO DO ÓRGÃO OU ENTIDADE 01 NOME 02- EXERCÍCIO 03-C.G.C 04- EA 05- TIPO 06- ENDEREÇO COMPLETO: 07 MUNICÍPIO 08- CAIXA POSTAL

Leia mais

Plano de Trabalho Sem Repasse de Recurso Financeiro

Plano de Trabalho Sem Repasse de Recurso Financeiro Plano de Trabalho Sem Repasse de Recurso Financeiro 1 - DADOS CADASTRAIS Orgão/ Entidade Proponente CGC Endereço Cidade UF CEP DDD/Telefone E.A. Nome do Responsável CPF C.I. Orgão Exp. Cargo Função Matrícula

Leia mais

Portal dos Convênios - Siconv. Cadastramento de Proponente Consórcio Público e Entidades Privadas sem Fins Lucrativos

Portal dos Convênios - Siconv. Cadastramento de Proponente Consórcio Público e Entidades Privadas sem Fins Lucrativos MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE LOGÍSTICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DEPARTAMENTO DE LOGÍSTICA E SERVIÇOS GERAIS Portal dos Convênios - Siconv Cadastramento de Proponente Consórcio

Leia mais

ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL SECRETARIA DE ESTADO DE FAZENDA RESOLUÇÃO/SEFAZ N. 2.052, DE 19 DE ABRIL DE 2007.

ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL SECRETARIA DE ESTADO DE FAZENDA RESOLUÇÃO/SEFAZ N. 2.052, DE 19 DE ABRIL DE 2007. ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL SECRETARIA DE ESTADO DE FAZENDA RESOLUÇÃO/SEFAZ N. 2.052, DE 19 DE ABRIL DE 2007. Dispõe sobre o Cadastro de Convenentes da Administração Estadual. O SECRETÁRIO DE ESTADO DE

Leia mais

PROJETO FUTSAL 2013 CATEGORIAS SUB 07 SUB 09 SUB 11 SUB 13 SUB 15

PROJETO FUTSAL 2013 CATEGORIAS SUB 07 SUB 09 SUB 11 SUB 13 SUB 15 PROJETO FUTSAL 2013 CATEGORIAS SUB 07 SUB 09 SUB 11 SUB 13 SUB 15 1 PROJETO FUTSAL DA ESCOLA BARÃO EM 2013 INTRODUÇÃO A Escola Barão do Rio Branco, através do seu Curso Livre BARÃO ESPORTES, oportuniza

Leia mais

Prazo de execução: xxxx meses, a partir da assinatura do convênio

Prazo de execução: xxxx meses, a partir da assinatura do convênio MODELO PARA APRESENTAÇÃO PLANO DE TRABALHO EDITAL 2013 1 - IDENTIFICAÇÃO 1.1 DO PROJETO Nome do Projeto: Local onde será executado o projeto: (endereço completo) Nº de Beneficiários diretos: xx crianças

Leia mais

ANEXO II. Formulário Padrão de Apresentação de Proposta Projeto Técnico Audiovisual CONCURSO DE APOIO À PRODUÇÃO DE LONGAMETRAGEM GOIANIENSE

ANEXO II. Formulário Padrão de Apresentação de Proposta Projeto Técnico Audiovisual CONCURSO DE APOIO À PRODUÇÃO DE LONGAMETRAGEM GOIANIENSE PESSOA JURÍDICA Prefeitura de Goiânia ANEXO II Formulário Padrão de Apresentação de Proposta Projeto Técnico Audiovisual CONCURSO DE APOIO À PRODUÇÃO DE LONGAMETRAGEM GOIANIENSE 1. IDENTIFICAÇÃO DO PROJETODE

Leia mais

EDITAL PÚBLICO DE CADASTRAMENTO DE ENTIDADES PÚBLICAS OU PRIVADAS COM DESTINAÇÃO SOCIAL Nº EPE.0006.000005-1/2013

EDITAL PÚBLICO DE CADASTRAMENTO DE ENTIDADES PÚBLICAS OU PRIVADAS COM DESTINAÇÃO SOCIAL Nº EPE.0006.000005-1/2013 EDITAL PÚBLICO DE CADASTRAMENTO DE ENTIDADES PÚBLICAS OU PRIVADAS COM DESTINAÇÃO SOCIAL Nº EPE.0006.000005-1/2013 O DOUTOR GUSTAVO DE PAIVA GADELHA, JUIZ FEDERAL TITULAR DA 6ª VARA DA /PB, no uso das atribuições

Leia mais

LEI 11.438, DE 29 DE DEZEMBRO DE

LEI 11.438, DE 29 DE DEZEMBRO DE LEI 11.438, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2006 Dispõe sobre incentivos e benefícios para fomentar as atividades de caráter desportivo e dá outras providências. * V. Dec. 6.180/2007 (Regulamenta a Lei 11.438/2006).

Leia mais

MANUAL DE PREENCHIMENTO - FORMULÁRIO PARA INSCRIÇÃO DE PROJETO

MANUAL DE PREENCHIMENTO - FORMULÁRIO PARA INSCRIÇÃO DE PROJETO O presente manual tem por finalidade orientar o Proponente de Projeto Cultural no preenchimento do formulário para Inscrição de projeto cultural ao Programa de Incentivo a Produção Artística Triunfense,

Leia mais

INSTITUTO RUI BARBOSA

INSTITUTO RUI BARBOSA TERMO DE CONVÊNIO QUE ENTRE SI CELEBRAM O DO ESTADO DE RONDÔNIA E O INSTITUTO RUI BARBOSA - IRB, PARA O APOIO TÉCNICO E FINANCEIRO À EXECUÇÃO DO PROGRAMA NACIONAL DE MODERNIZAÇÃO DO SISTEMA DE CONTROLE

Leia mais

Projeto: Futsal Clube Belo Horizonte

Projeto: Futsal Clube Belo Horizonte Projeto: Futsal Clube Belo Horizonte Fundada em 4 de julho de 2012, a partir de um grupo de profissionais que acredita no poder transformador do esporte e da cultura na sociedade, a Movimenta Brasil tem

Leia mais

ISEE. Apresentação Lei de Incentivo ao Esporte Lei 11438/06. Fonte: Ministério do Esporte

ISEE. Apresentação Lei de Incentivo ao Esporte Lei 11438/06. Fonte: Ministério do Esporte ISEE Apresentação Lei de Incentivo ao Esporte Lei 11438/06 2011 Introdução - A Lei de Incentivo ao Esporte prevê a possibilidade de PF e PJ destinarem uma parcela do imposto de renda devido em benefício

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos LEI Nº 11.438, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2006. Texto compilado Dispõe sobre incentivos e benefícios para fomentar as atividades de caráter

Leia mais

1. APRESENTAÇÃO 2. OBJETIVO E FOCO TEMÁTICO INSCRIÇÕES 14º DIA DO VOLUNTARIADO 2015.

1. APRESENTAÇÃO 2. OBJETIVO E FOCO TEMÁTICO INSCRIÇÕES 14º DIA DO VOLUNTARIADO 2015. REV.: 03 Pág.: 1 de 6 A Manaus Ambiental torna público que estão abertas as inscrições para a seleção de Instituições e Projetos Sociais para o 14º Dia do Voluntariado. A empresa realizará o processo de

Leia mais

EDITAL Nº. 01/2014 DE SELEÇÃO PÚBLICA DE PROJETOS A SEREM FINANCIADOS PELO FUNDO DA INFÂNCIA E DA ADOLESCÊNCIA DO MUNICÍPIO DE MARABÁ-PARÁ.

EDITAL Nº. 01/2014 DE SELEÇÃO PÚBLICA DE PROJETOS A SEREM FINANCIADOS PELO FUNDO DA INFÂNCIA E DA ADOLESCÊNCIA DO MUNICÍPIO DE MARABÁ-PARÁ. PREÃMBULO 1994 EDITAL Nº. 01/2014 DE SELEÇÃO PÚBLICA DE PROJETOS A SEREM FINANCIADOS PELO FUNDO DA INFÂNCIA E DA ADOLESCÊNCIA DO MUNICÍPIO DE MARABÁ-PARÁ. A Prefeitura Municipal de Marabá, por intermédio

Leia mais

MUNICÍPIO DE ITAPEMIRIM CNPJ 27.174.168/0001-70

MUNICÍPIO DE ITAPEMIRIM CNPJ 27.174.168/0001-70 12 DE FEVEREIRO DE 2015 Informativo Oficial do Municipio de Itapemirim - Criado pela Lei Municipal nº 1.928/05 e Regulamentado pelo Decreto nº 2.671/05 - Ano IX - 1618 DECRETOS DECRETO Nº. 8.552 /2015

Leia mais

FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO RESOLUÇÃO N.º 7, DE 24 DE ABRIL DE 2007

FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO RESOLUÇÃO N.º 7, DE 24 DE ABRIL DE 2007 FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO RESOLUÇÃO N.º 7, DE 24 DE ABRIL DE 2007 Estabelece os documentos necessários à comprovação de regularidade para transferência de recursos e para habilitação

Leia mais

PROJETO ESCOLINHA DE FUTEBOL FORMANDO CIDADÃOS E ATLETAS PARA O FUTURO. 1 P á g i n a

PROJETO ESCOLINHA DE FUTEBOL FORMANDO CIDADÃOS E ATLETAS PARA O FUTURO. 1 P á g i n a PROJETO ESCOLINHA DE FUTEBOL FORMANDO CIDADÃOS E ATLETAS PARA O FUTURO 1 P á g i n a DESEMBARGADOR OTONI/MG 2014 ÍNDICE 1. SÍNTESE 2. JUSTIFICATIVA 3. OBJETIVOS GERAIS 4. OBJETIVOS ESPECÍFICOS 5. METODOLOGIA

Leia mais

Presidência da República

Presidência da República Presidência da República Casa Subchefia para Assuntos Jurídicos Civil DECRETO Nº 6.170, DE 25 DE JULHO DE 2007. Dispõe sobre as normas relativas às transferências de recursos da União mediante convênios

Leia mais

Edital de Convocação nº 01/2015. Convocação para Inscrição de Entidades e Organizações Não-Governamentais

Edital de Convocação nº 01/2015. Convocação para Inscrição de Entidades e Organizações Não-Governamentais Edital de Convocação nº 01/2015 Convocação para Inscrição de Entidades e Organizações Não-Governamentais A Presidente do CMAS Conselho Municipal de Assistência Social de Cáceres, no uso de suas atribuições

Leia mais

EDITAL N.º 04/2015 De 05 de Maio de 2015.

EDITAL N.º 04/2015 De 05 de Maio de 2015. EDITAL N.º 04/2015 De 05 de Maio de 2015. O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, no uso de suas atribuições, que lhe são conferidas pela Lei Federal n.º 8.069, nos arts. 88, IV,

Leia mais

PORTAL DE CONVÊNIOS Acesse www.convenios.gov.br. LEGISLAÇÃO SOBRE CONVÊNIOS Acesse http://www.convênios.gov.br/portal/legislacao.

PORTAL DE CONVÊNIOS Acesse www.convenios.gov.br. LEGISLAÇÃO SOBRE CONVÊNIOS Acesse http://www.convênios.gov.br/portal/legislacao. PORTAL DE CONVÊNIOS www.convenios.gov.br LEGISLAÇÃO SOBRE CONVÊNIOS http://www.convênios.gov.br/portal/legislacao.html ORIENTAÇÕES AOS PROPONENTES www.convênios.gov.br/portal/avisos/orientacoes_utilizacao_portal_convenios

Leia mais

CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE

CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE RESOLUÇÃO Nº015/CMDCA/2013 Institui parâmetros para o Registro de entidades governamentais e não governamentais no Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Ji-Paraná/RO. O Conselho

Leia mais

MODELO DE PROJETO SOCIAL. Telefone: Fax: E-mail da entidade: Nome do Responsável: Função/Cargo: E-mail do responsável:

MODELO DE PROJETO SOCIAL. Telefone: Fax: E-mail da entidade: Nome do Responsável: Função/Cargo: E-mail do responsável: MODELO DE PROJETO SOCIAL 1 IDENTIFICAÇÃO 1.1.Dados de Identificação do(s) Proponente(s) Proponente: (órgão ou entidade gestor do Projeto / Organização: Endereço : Nome CNPJ Telefone: Fax: E-mail da entidade:

Leia mais

Prefeitura Municipal de Fortaleza. AÇÃO 76 a FORTALECIMENTO E APOIO ÀS AÇÕES DE PREVENÇÃO À VIOLÊNCIA NAS ÁREAS SELECIONADAS PELO PRONASCI

Prefeitura Municipal de Fortaleza. AÇÃO 76 a FORTALECIMENTO E APOIO ÀS AÇÕES DE PREVENÇÃO À VIOLÊNCIA NAS ÁREAS SELECIONADAS PELO PRONASCI Prefeitura Micipal de Fortaleza AÇÃO 76 a FORTALECIMENTO E APOIO ÀS AÇÕES DE PREVENÇÃO À VIOLÊNCIA NAS ÁREAS SELECIONADAS PELO PRONASCI TEATRO VIVO 0 PLANO DE TRABALHO 1. DADOS CADASTRAIS PROPONENTE Órgão/entidade

Leia mais

SEMINÁRIO NACIONAL SICONV: DA CAPTAÇÃO DE RECURSOS DA UNIÃO À PRESTAÇÃO DE CONTAS

SEMINÁRIO NACIONAL SICONV: DA CAPTAÇÃO DE RECURSOS DA UNIÃO À PRESTAÇÃO DE CONTAS SEMINÁRIO NACIONAL SICONV: DA CAPTAÇÃO DE RECURSOS DA UNIÃO À PRESTAÇÃO DE CONTAS TERESINA - PI, 7 E 8 DE OUTUBRO DE 2013 APRESENTAÇÃO Os Estados, Municípios e as Organizações não governamentais ao encaminharem

Leia mais

PROJETO BÁSICO. UF: São Paulo

PROJETO BÁSICO. UF: São Paulo 1. IDENTIFICAÇÃO DO PROJETO PROJETO BÁSICO Central Integrada de Monitoramento Início (mês/ano): Junho/2008 Término (mês/ano): Junho/2009 2. IDENTIFICAÇÃO DA INSTITUIÇÃO PROPONENTE Proponente: Prefeitura

Leia mais

C O N V Ê N I O Nº 026/2015

C O N V Ê N I O Nº 026/2015 C O N V Ê N I O Nº 026/2015 Que entre si celebram de um lado o MUNICÍPIO DE ITABIRITO, pessoa jurídica de direito público interno, inscrição no CNPJ sob o nº 18.307.835/0001-54, com endereço a Avenida

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos LEI Nº 11.438, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2006. Dispõe sobre incentivos e benefícios para fomentar as atividades de caráter desportivo e

Leia mais

Entendendo a Legislação de Convênios

Entendendo a Legislação de Convênios PROFESSORA GIANNA LEPRE PERIM Professora Gianna Lepre Perim APRESENTAÇÃO GERAL: -DO CURSO -DA PROFESSORA -DA METODOLOGIA PROGRAMAÇÃO 1º dia Legislação Aplicável Noções Gerais sobre Convênios Condições

Leia mais

EDITAL DE CHAMAMENTO INTERNO DE PROJETOS Nº 02/2014 ANEXO I FORMULÁRIO DE APRESENTAÇÃO DE PROJETO

EDITAL DE CHAMAMENTO INTERNO DE PROJETOS Nº 02/2014 ANEXO I FORMULÁRIO DE APRESENTAÇÃO DE PROJETO EDITAL DE CHAMAMENTO INTERNO DE PROJETOS Nº 0/04 ANEXO I FORMULÁRIO DE APRESENTAÇÃO DE PROJETO. IDENTIFICAÇÃO DA ENTIDADE PROPONENTE Nome da Entidade CNPJ Dirigente da Entidade. HISTÓRICO DA PROPONENTE..

Leia mais