SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL FACULTATIVA. Veículos Leves e Motos

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL FACULTATIVA. Veículos Leves e Motos"

Transcrição

1

2 SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL FACULTATIVA Veículos Leves e Motos

3 ÍNDICE CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL FACULTATIVA VEÍCULOS LEVES E MOTOS Glossário de Termos Técnicos... 4 Disposições Preliminares...11 Cláusula 1 Objetivo do Seguro Cláusula 2 - Âmbito Geográfico e Perímetro da Cobertura Cláusula 3 Vigência do Seguro Cláusula 4 Riscos Cobertos Cláusula 5 Riscos Excluídos Cláusula 6 Perda de Direitos Cláusula 7 Obrigações do Segurado / Estipulante Cláusula 8 Limite de Responsabilidade...22 Cláusula 9 Aceitação do Risco / Alteração do Contrato Cláusula 10 Alteração da Frota Segurada...24 Cláusula 11 Inspeção Cláusula 12 Renovação Cláusula 13 Concorrência de Apólices...25 Cláusula 14 Pagamento do Prêmio...27 Cláusula 15 Franquia Cláusula 16 Regulação e Liquidação do Sinistro...29 Cláusula 17 Redução e Reintegração do Limite Máximo de Indenização (LMI) Cláusula 18 Seguro a Segundo e/ou a Terceiro Risco Cláusula 19 Pagamento da Indenização...35 Cláusula 20 Rescisão e Cancelamento...36 Cláusula 21 Sub-rogação de Direitos...38 Cláusula 22 Bônus por Renovação sem Sinistro...38 Cláusula 23 Atualização e Alteração dos Valores Contratados...40 Cláusula 24 Disposições Gerais...42 Cláusula 25 Declarações Cláusula 26 Prescrição Cláusula 27 Foro Relação de Documentos Necessários em Caso de Sinistro... 44

4 GLOSSÁRIO DE TERMOS TÉCNICOS GLOSSÁRIO DE TERMOS TÉCNICOS ACEITAÇÃO: Aprovação da proposta apresentada pelo Segurado ou por seu Corretor de Seguros, para a contratação do seguro, que serve de base para a emissão da apólice. ACIDENTE DE TRÂNSITO: Evento ocorrido no trânsito, exclusivamente enquadrado como colisão, do(s) veículo(s) discriminado(s) na apólice em bens de terceiros ou pela carga objeto de transporte pelo(s) mesmo(s) veículo(s), enquanto transportada e ou por atropelamento, com data caracterizada, exclusiva e diretamente externo, súbito, involuntário e violento que seja causador de Danos Materiais e Danos Corporais. AGRAVAÇÃO DE RISCO: Circunstâncias que aumentam a intensidade (dimensão) ou a probabilidade (frequência) do risco assumido pelo Segurador, ou seja, tornam o risco mais grave do que este originalmente se apresenta no momento da contratação do seguro. APÓLICE: É o documento que formaliza o contrato de seguro, estabelece os direitos e obrigações das partes, bem como discrimina o bem segurado, suas coberturas e garantias contratadas. AVISO OU COMUNICAÇÃO DE SINISTRO: É a comunicação feita pelo Segurado à Seguradora da ocorrência de um evento (sinistro), assim que dele tenha conhecimento. BENEFICIÁRIO: É a pessoa física ou jurídica que detém legalmente o direito à indenização em caso de sinistro. BOA-FÉ: No contrato de seguro, é a intenção pura, absolutamente honesta que têm as partes (segurado e segurador), agindo ambos com total transparência, isentos de vício ou dolo, e convictos de que agem em conformidade com a lei, sendo que a inobservância desse princípio tornará o contrato de seguro nulo. BOLETIM DE OCORRÊNCIA: Registro de ocorrência emitido pelos órgãos policiais e/ou competentes, onde consta a identificação das partes envolvidas, as circunstâncias do fato ocorrido, bem como a extensão dos danos por ele causados, que se torna indispensável na análise e regulação de sinistro. CANCELAMENTO: É a dissolução antecipada do contrato de seguro. CLÁUSULAS: São as disposições contidas no contrato de seguro, onde se estipulam as regras, os direitos e obrigações aplicáveis às partes (Segurado e Segurador). Página 4 MSRCF

5 GLOSSÁRIO DE TERMOS TÉCNICOS COBERTURAS: É o conjunto de garantias abrangidas pelo contrato de seguro, em conformidade com as condições contratadas, ou seja, é o risco assumido pelo segurador. COLISÃO: Choque ou embate ocorrido no trânsito entre dois ou mais veículos, abrangendo bens móveis e imóveis. COLISÃO DA CARGA: Choque ou embate ocorrido em ato contínuo à queda advinda do desprendimento da carga transportada pelo veículo segurado, diretamente a bens moveis e/ ou imóveis de terceiros. CONDIÇÕES ESPECIAIS: Conjunto das disposições específicas relativas a cada modalidade ou cobertura de um plano de seguro que eventualmente alteram as condições gerais. CONDIÇÕES GERAIS: É o instrumento jurídico que disciplina os direitos e as obrigações das partes contratantes, bem como as características gerais do seguro, sendo obrigatoriamente parte integramente da proposta de seguro e da apólice. CONDIÇÕES PARTICULARES: Conjunto de cláusulas que alteram as Condições Gerais e/ ou Especiais de um plano de seguro, modificando ou cancelando disposições já existentes, ou, ainda, introduzindo novas disposições e eventualmente ampliando ou restringindo a cobertura. CONDUTOR: Pessoa que, legalmente habilitada para dirigir o veículo segurado e devidamente autorizada pelo Segurado, dirige o veículo ou o tem sob sua responsabilidade. CORRETOR DE SEGUROS: É o intermediário, pessoa física ou jurídica, legalmente autorizado a representar o Segurado, angariar e promover planos de seguro entre as Seguradoras e as pessoas físicas ou jurídicas, de direito público ou privado. Na forma do Decreto-Lei nº 73/66, o corretor é o responsável pela orientação ao Segurado sobre as coberturas, obrigações e exclusões do contrato de seguro. COSSEGURO: Operação em que mais de um segurador participa e assume o mesmo risco segurado, ficando cada um deles responsável direto por uma quota-parte determinada do valor total do seguro. CULPA: Responsabilidade atribuída a alguém (pessoa física e/ou jurídica). Caracteriza-se pela não intencionalidade em relação ao resultado e se reveste de imperícia, imprudência ou negligência, das quais provém dano a terceiros. MSRCF Página 5

6 GLOSSÁRIO DE TERMOS TÉCNICOS CULPA GRAVE: É a culpa cujo grau que lhe é atribuída avizinha-se ao dolo, porém, sem chegar a se confundir com este, pois não houve má fé na prática que gerou o evento. Entretanto, poderá ocasionar a perda de direito do Segurado à indenização. DANO: Prejuízo comprovado, indenizável ou não, de acordo com as condições da apólice. DANO CORPORAL: Lesão exclusivamente física causada ao corpo da pessoa, em razão de acidente de trânsito, envolvendo o veículo segurado. Não estão abrangidos por esta definição os danos classificáveis como mentais, morais, estéticos ou psicológicos. DANO MATERIAL: Dano ou destruição causado, exclusivamente, à propriedade material de terceiro. DANO MORAL: É aquele dano que comprovadamente traz como consequência a ofensa à honra, ao afeto, à liberdade, à profissão, ao respeito aos mortos, à psique, à saúde, ao nome, ao crédito, ao bem-estar e à vida, sem necessidade de ocorrência de prejuízo econômico, mas que comprovadamente envolva o veículo segurado e desde que devidamente amparado pelas coberturas contratadas na apólice de seguro. DOLO: Ma fé. Qualquer ato consciente, quer seja por ação ou omissão do qual alguém induz, mantém ou confirma outrem em erro; vontade consciente dirigida à finalidade de obter um resultado lesivo. Se comprovado, cancela automaticamente o seguro, sem direito a restituição do prêmio, impedindo qualquer direito à indenização. ENDOSSO ou ADITIVO: É o documento emitido pela Seguradora, durante a vigência da apólice, pelo qual esta e o Segurado acordam quanto à alteração de dados, modificação de condições ou do objeto da apólice. ESTELIONATO: Manobra fraudulenta que uma pessoa emprega contra outra com o fim de obter vantagem em proveito próprio ou de terceiro. ESTIPULANTE: É toda pessoa jurídica que propõe a contratação de plano coletivo, desde que, devidamente investida de poderes de representação do segurado, bem como comprove seu vínculo profissional com o mesmo, nos termos da legislação em vigor. EVENTO: Toda e qualquer ocorrência ou acontecimento que acarrete danos ao segurado e/ ou terceiros. Página 6 MSRCF

7 GLOSSÁRIO DE TERMOS TÉCNICOS FRANQUIA: É a participação obrigatória do segurado, expressa na apólice em reais, dedutível em cada evento (sinistro) reclamado por ele e coberto pela apólice. É a parte dos prejuízos indenizáveis, a qual a Seguradora não se responsabiliza a indenizar em caso de sinistro. INDENIZAÇÃO: É a contraprestação da Seguradora, isto é, o valor que a mesma deverá pagar ao segurado e/ou a terceiro, em caso de sinistro coberto pelo contrato de seguro. LIMITE MÁXIMO DE INDENIZAÇAO (LMI): É o limite máximo da indenização contratada para cada cobertura e garantia, sendo este o valor máximo que a Seguradora irá suportar e arcar no caso da ocorrência de um risco coberto. LIQUIDAÇÃO DE SINISTRO: É o procedimento para apuração do dano havido em virtude da ocorrência de sinistro, suscetível de ser indenizado, podendo ao final gerar ou não o pagamento da indenização. LUCROS CESSANTES: São os lucros que deixam de ser comprovadamente - auferidos, pela paralisação de atividades profissionais do terceiro prejudicado. MA FÉ: Agir deliberadamente - de modo contrário à lei, aos costumes ou aos princípios gerais de direito.dolo. NEXO CAUSAL: Relação da ação com o dano sofrido, ou seja, a relação que une a causa ao efeito. OCUPANTE: Toda pessoa que, no momento do acidente de trânsito, se encontre no interior do veículo segurado, na qualidade de condutor ou passageiro. PRAZO CURTO: Seguro contratado cuja vigência é inferior a 01 (um) ano. PRÊMIO: É a importância que deverá ser paga pelo Segurado ou Estipulante / Proponente à Seguradora para que esta assuma a responsabilidade pelos riscos estabelecidos na apólice. PRÊMIO ADICIONAL: É o prêmio suplementar pago em determinadas situações pelo Segurado ou Estipulante / Proponente à Seguradora para que esta assuma a responsabilidade por riscos ou coberturas, não precificadas inicialmente na aceitação da propos PRÊMIO FRACIONADO: É a divisão do prêmio total devido, em parcelas mensais, acrescidas dos juros correspondentes. MSRCF Página 7

8 GLOSSÁRIO DE TERMOS TÉCNICOS PRESCRIÇÃO: No seguro, é a perda do direito que o segurado ou terceiro tem de reclamar das obrigações previstas no contrato, em razão do transcurso dos prazos fixados pelo Código Civil. PROPONENTE: Pessoa física ou jurídica que manifesta a intenção de contratar o seguro, mediante o preenchimento, assinatura e entrega da proposta à Seguradora. PROPOSTA: Instrumento mediante o qual o Proponente expressa a intenção de contratar, alterar ou renovar o seguro, especificando seus dados cadastrais, dados referentes aos riscos a serem transferidos à Seguradora e coberturas contratadas, que servirá de base para a avaliação dos riscos por parte da Sociedade Seguradora. Esse documento confirma o pleno conhecimento e concordância do proponente ou do seu representante legal às regras estabelecidas nas respectivas Condições Gerais / Especiais e Particulares, tudo na mais estrita boa fé entre as partes. A proposta faz parte integrante do contrato de seguro juntamente com a apólice. RECIBO DE INDENIZAÇÃO: Documento emitido pela Seguradora, que deve ser assinado pelo Segurado ou Terceiro prejudicado, por força do pagamento de indenização, em virtude da ocorrência de evento amparado pela(s) cobertura(s) do Seguro. REGULAÇÃO DE SINISTRO: Conjunto de procedimentos realizados na ocorrência de um sinistro para apuração de suas causas, circunstâncias e valores envolvidos, com vistas à caracterização do risco ocorrido e seu enquadramento nas coberturas contratadas. REINTEGRAÇÃO: É a solicitação de recomposição do Limite Máximo de Indenização (LMI) de uma determinada cobertura, na mesma proporção em que tenha sido reduzida, em virtude de um sinistro indenizado, mediante cobrança de prêmio proporcional. RENOVAÇÃO: Formalização da intenção do segurado de dar continuidade ao contrato de seguro. RESSARCIMENTO: É o instrumento pelo qual a Seguradora sub-rogada dos direitos de seu segurado, pleiteia o valor indenizado do responsável pelo acidente. RESPONSABILIDADE CIVIL: É a obrigação imposta por lei a cada um, de responder pelo dano que causar a terceiros. RISCO: Evento futuro e incerto, de natureza súbita e imprevista, independente da vontade do segurado, cuja ocorrência pode gerar prejuízos de natureza econômica. Página 8 MSRCF

9 GLOSSÁRIO DE TERMOS TÉCNICOS RISCOS EXCLUÍDOS: São todos os eventos danosos em potencial, mas não elencados entre os riscos cobertos na apólice de seguro, por não terem sido contratados e/ou não serem garantidos pelas coberturas existentes na apólice de seguro. SEGURADO: Pessoa - física ou jurídica - que, tendo interesse segurável, contrata o seguro em seu benefício pessoal ou de terceiro, em relação aos quais a Seguradora assume a responsabilidade de determinados riscos. SEGURADORA: Pessoa jurídica, legalmente constituída e autorizada a operar pela Superintendência de Seguros Privados - SUSEP, que emite a apólice e assume a cobertura dos riscos, de acordo com as Condições Gerais, Especiais e Particulares, mediante o recebimento do prêmio estabelecido na contratação. SINISTRO: Ocorrência de acontecimento involuntário e casual, coberto pelo contrato de seguro e que, legalmente, obriga a Seguradora à indenizar, se ocorrido durante a vigência da apólice. SUB-ROGAÇÃO: Transferência de direitos e obrigações entre duas pessoas. No contrato de seguro é o direito que a lei confere à Seguradora que pagou a indenização ao segurado, de assumir os direitos desse, contra o(s) terceiro(s) responsável(is) pelo(s) prejuízo(s). SUSEP: Superintendência de Seguros Privados Autarquia Federal responsável pela regulação e fiscalização do mercado de seguros. TERCEIRO: Pessoa física ou jurídica culpada ou prejudicada no acidente, exceto, o próprio segurado, os sócios, controladores, diretores ou administradores da pessoa jurídica segurada, o cônjuge, pais, irmãos e filhos do segurado, e pessoa que, de fato ou de direito, dependa do Segurado e com ele mantenha relação de dependência econômico-financeira. TERMO DE QUITAÇÃO: Documento que é assinado pelo Segurado ou pelo Terceiro Prejudicado, dando sua concordância com os serviços e reparos realizados em seus bens materiais, quando da entrega destes pela oficina, assistência técnica e outras empresas ou profissionais contratados pela Seguradora para esse fim. VEÍCULOSLEVES:Sãoenquadradosnestamodalidadeosveículosde:Locadoras,Motocicletas, Passeio, Pick-up, Taxi, Utilitários Leves, relacionados na Apólice de Seguro, devidamente licenciados, em conformidade à legislação vigente. MSRCF Página 9

10 GLOSSÁRIO DE TERMOS TÉCNICOS VEÍCULO SEGURADO: Veículo relacionado na Apólice de Seguro, devidamente licenciado, em conformidade à legislação vigente. VIGÊNCIA DO SEGURO: É o prazo que determina o início e o término da validade das garantias contratadas, expressas na apólice, cujos prêmios de seguro sejam pagos regularmente até o seu vencimento. VISTORIA PRÉVIA: É a inspeção realizada no veículo, antes da aceitação do risco, para a verificação da existência, características e estado de conservação. VISTORIA DE CONSTATAÇÃO DE DANOS: Tem como principal fundamento detectar o nexo causal e verificar a culpabilidade do segurado ou terceiro, apontando e esclarecendo as possíveis causas do sinistro possibilitando a confirmação da relação da ação com o dano sofrido, ou seja, a relação que une a causa ao efeito. VISTORIA PRÉVIA: É a inspeção realizada no veículo, antes da aceitação do risco para a verificação da existência, característica e estado de conservação. VISTORIA DE SINISTRO: É a inspeção realizada por profissionais habilitados, em caso de sinistro, para verificar a extensão dos danos e prejuízos sofridos. Página 10 MSRCF

11 DISPOSIÇÕES PRELIMINARES DISPOSIÇÕES PRELIMINARES A aceitação do seguro estará sujeita à análise do risco. Declaro estar ciente e expressamente autorizo a inclusão de todos os dados e informações relacionadas ao presente seguro, assim como de todos os eventuais sinistros e ocorrências referentes ao mesmo, em banco de dados, aos quais a Seguradora poderá recorrer para análise de riscos atuais e futuros e na liquidação de processos de sinistros. O registro deste plano na SUSEP não implica, por parte da Autarquia, incentivo ou recomendação a sua comercialização. O Segurado poderá consultar a situação cadastral do seu Corretor de Seguros no site com o número de seu registro na SUSEP, nome completo, CNPJ ou CPF. MSRCF Página 11

12 CLÁUSULA 1 OBJETIVO DO SEGURO 1.1 O presente seguro tem por objetivo garantir ao Segurado, até o Limite Máximo de Indenização expressamente contratado por veículo e por evento, o reembolso das indenizações e despesas a que for obrigado a pagar por Danos Corporais e/ou Materiais decorrentes de acidente de trânsito causados a, Terceiros não Transportados pelo veículo segurado, de acordo com os riscos cobertos, seja em virtude de sentença judicial transitada em julgado ou transação, quer seja extrajudicial ou judicial, efetivada entre o Segurado e o Terceiro, devidamente autorizado de forma expressa pela Seguradora. CLÁUSULA 2 - ÂMBITO GEOGRÁFICO E PERÍMETRO DA COBERTURA 2.1 As disposições deste Contrato se aplicam única e exclusivamente a acidentes de trânsito ocorridos com o veículo segurado em Território Nacional. CLÁUSULA 3 VIGÊNCIA DO SEGURO 3.1 A vigência do Seguro será expressa na Apólice ou nos endossos e se dará, das 24h (vinte e quatro horas) do dia expresso como Início de Vigência e terminará às 24h (vinte e quatro horas) do dia definido como Fim de Vigência. 3.2 Nas Apólices ou Endossos sem pagamento antecipado de prêmio, o início de vigência da cobertura deverá coincidir com a data de aceitação da proposta ou com data distinta, desde que, expressamente acordada entre as partes. 3.3 As Apólices ou Endossos, cujas propostas tenham sido recepcionadas com adiantamento de valor para futuro pagamento parcial ou total do prêmio, terão seu início de vigência a partir da data de recepção da proposta pela Sociedade Seguradora ou com data distinta, desde que, expressamente acordada entre as partes. CLÁUSULA 4 RISCOS COBERTOS Consideram-se riscos cobertos, a responsabilidade civil do Segurado decorrente de acidente de trânsito, cuja culpa esteja devidamente caracterizada e seja consequência de: Página 12 MSRCF

13 a) Colisão do(s) veículo(s) segurado(s) discriminado(s) na apólice em bens de terceiros; b) Queda da carga, objeto de transporte pelo veículo segurado, enquanto transportada pelo mesmo; c) Atropelamento. 4.2 Cobertura Básica: Danos Corporais e/ou Materiais causados a Terceiros: Esta Cobertura garante, mediante o pagamento de prêmio, até o Limite Máximo de Indenização contratado para esta Cobertura, o reembolso da indenização a que, pelas Leis Civis, o Segurado venha a ser responsável em virtude de sentença judicial transitada em julgado ou de acordo autorizado de modo expresso pela Sociedade Seguradora, por Danos Involuntários Corporais e/ou Materiais causados a terceiros NÃO transportados, em decorrência de Acidente de Trânsito envolvendo o veículo Segurado, desde que, a utilização do veículo esteja de acordo com o definido na proposta de seguro, inclusive, no tocante ao tipo de enquadramento de utilização do veículo Segurado Para efeito desta Cobertura, além das pessoas que eventualmente sejam transportadas no veículo segurado, não são considerados Terceiros: o funcionário do segurado (inclusive agregados e terceirizados), o próprio Segurado, os Sócios, os Controladores, os Diretores ou Administradores da empresa segurada, bem como seus cônjuges, pais e filhos e/ou pessoas que dependam economicamente Segurado A garantia de Danos Corporais concedida no presente contrato de seguro somente responderá em cada reclamação, pela parte da indenização que exceder aos limites vigentes na data do sinistro para as coberturas do Seguro Obrigatório de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Vias Terrestres (DPVAT), previstas no art. 2º da Lei nº 6194 de Defesa Civil A Sociedade Seguradora garantirá ao segurado o reembolso das despesas com pagamento de honorários advocatícios, bem como das despesas com custas judiciais, que guarde relação com o objeto deste seguro, desde que, esteja amparado por cobertura técnica. O referido reembolso é de até 20% do valor da causa, limitado a 05 (cinco) salários mínimos. MSRCF Página 13

14 4.3 Coberturas Adicionais: Danos Morais Esta Cobertura garante ao Segurado, mediante o pagamento de prêmio adicional e até o Limite Máximo de Indenização contratado para esta cobertura, o reembolso à indenização que, pelas Leis Civis, venha a ser responsável em virtude de sentença judicial transitada em julgado ou de acordo autorizado de modo expresso pela Sociedade Seguradora, por Danos Morais (conforme definido no glossário) causados a terceiros NÃO transportados, em decorrência de Acidente de Trânsito provocado pelo veículo segurado, conforme definido na cláusula 4. CLÁUSULA 5 RISCOS EXCLUÍDOS 5.1 O PRESENTE SEGURO NÃO COBRE RECLAMAÇÕES DECORRENTES DE: Página 14 a) Perdas ou danos causados por atos ilícitos dolosos ou por culpa grave, praticados pelo segurado, pelo condutor do veículo segurado, pelo beneficiário ou pelo representante de um ou de outro. Nos seguros contratados por pessoas jurídicas, a exclusão é extensiva aos sócios controladores, seus dirigentes e administradores legais e seus respectivos representantes. b) Perdas ou danos direta ou indiretamente decorrentes de atos de hostilidade, operações bélicas, guerra, guerra civil, guerra química e/ou bacteriológica, atos de terrorismo, pirataria, tumulto, arruaça, greve, lockout, conspiração, subversão, rebelião,insurreição,manifestaçõespolíticas,convulsõessociais,guerrilha,revolução, e, em geral, toda e qualquer consequência desses eventos, inclusive, vandalismo, saques e pilhagens, todo e qualquer ato ou conseqüência dessas ocorrências, não respondendo ainda por prejuízos direta ou indiretamente relacionados com ou para os quais, próxima ou remotamente, tenham contribuído quaisquer perturbações de ordem pública. c) Danos provenientes de terremotos, tremores, movimentos telúricos, erupção vulcânica, inundação; furacão e quaisquer outras convulsões da natureza. d) Perdas ou danos resultantes de radiações ionizantes ou de contaminação pela radioatividade de qualquer resíduo de combustão de matéria nuclear. MSRCF

15 e) Perdas ou danos causados por poluição ou contaminação ao meio ambiente. f) Danos a bens de terceiros em poder do Segurado para guarda, custódia, transporte, uso, manipulação ou execução de quaisquer trabalhos. g) Danos causados a animais transportados, ainda que a legislação assim o permita. h) Danos ocasionados aos volumes transportados no interior do veículo segurado ou em mãos dos ocupantes. Também, objetos levados para fins comerciais ou que representem valores negociáveis, como dinheiro em moedas ou papel, cheques, títulos, apólices, selos, coleções, documentos e obrigações de qualquer espécie, metais preciosos e suas ligas, trabalhadas ou não, pedras preciosas e semipreciosas e pérola não engastadas, esculturas e quadros. i) Acidentes diretamente ocasionados pela inobservância às disposições legais, tais como: lotação de ocupantes, dimensão, peso e, permissão e acondicionamento da carga transportada. j) Perdas e Danos ocasionados pela carga transportada, sem a devida documentação legal, ou seja, conhecimento de carga e/ou nota fiscal da mercadoria. k) Responsabilidades assumidas pelo Segurado junto a terceiros por contratos ou convenções, salvo se as referidas responsabilidades existissem para o Segurado mesmo na falta de tais contratos e convenções, em virtude de pertences de terceiros transportados. l) Multas e fianças impostas ao Segurado, relativas a qualquer tipo de ação judicial, quer seja na esfera civil ou criminal, bem como em procedimentos preparatórios. m) Honorários advocatícios e custas judiciais relativas a ações e processos criminais. n) Perdas ou danos sofridos por quaisquer pessoas transportadas. o) Perdas ou danos causados a terceiros durante a participação do veículo segurado em competições esportivas, gincanas, apostas e provas de velocidade, autorizada por lei ou não. MSRCF Página 15

16 Página 16 p) Prejuízos patrimoniais e lucros cessantes não resultantes diretamente da responsabilidade por danos materiais e corporais cobertos pelo presente contrato. q) Perdas ou danos decorrentes das operações de carga e descarga. r) Danos resultantes de prestação de serviços especializados de natureza técnicoprofissional a que se destine o veículo segurado e não relacionados com sua locomoção. s) Danos materiais e/ou corporais causados pelo veículo segurado que tenha sido roubado ou furtado, durante o período em que durar o ato ilícito. t) Perdas ou danos materiais e/ou corporais causados pelo veículo segurado, se este estiver sendo conduzido e/ou manobrado por pessoa não habilitada legalmente para dirigir o veículo segurado. u) Perdas ou danos decorrentes de causas que não as advindas de acidentes de trânsito envolvendo o veículo segurado. v) Perdas ou danos ocasionados em virtude de deslocamento do veículo segurado em vias, estradas ou caminhos impedidos, não abertos ao tráfego ou de areia fofa ou movediça ou ainda, por vias incompatíveis com o porte e peso do veículo e carga transportada. w) Danos de natureza moral, entendendo-se como tais àqueles que trazem como consequências, ofensa à honra, ao afeto, à liberdade, à profissão, ao respeito aos mortos, à psique, à saúde, ao nome, ao crédito, ao bem-estar e à vida, ainda que sem o advento do prejuízo econômico, salvo se contratada a Cobertura Adicional de Danos Morais Cláusula x) Para efeito desta cobertura, não são considerados Terceiros: o próprio Segurado; os Sócios, Controladores, Diretores ou Administradores da Pessoa Jurídica segurada; empregados, prepostos, ou terceirizados do segurado ou a seu serviço, o Cônjuge, seus ascendentes, descendentes; Pessoa que, de fato ou de direito, dependa do Segurado e com ele mantenha relação de dependência econômico-financeira. y) Danos a bens móveis e imóveis dos quais o Segurado tenha posse, independentemente de ser sua a propriedade ou não. MSRCF

17 CLÁUSULA 6 PERDA DE DIREITOS 6.1 ALÉM DOS CASOS PREVISTOSEM LEI,ASOCIEDADE SEGURADORA FICARÁ ISENTADEQUALQUEROBRIGAÇÃODECORRENTEDESTECONTRATODESEGURO SE: O SEGURADO: a) Deixar de cumprir com quaisquer das obrigações convencionadas na presente Condições Gerais; b) Estiver com o pagamento do prêmio de seguro e/ou suas parcelas em atraso; c) Seu representante legal ou seu Corretor não fizer declarações verdadeiras e completas, ou omitir detalhes que possam influir na aceitação da proposta, ou na identificação do risco, ficando o Segurado obrigado ao pagamento do prêmio, proporcional ao tempo decorrido. d) Omitir e/ou prestar informações inexatas que não resultem de má-fé, a Sociedade Seguradora poderá, na hipótese de não ocorrência de sinistro: I) Cancelar o seguro, retendo o prêmio originalmente pactuado, a parcela proporcional ao tempo decorrido ou, II) Permitir a continuidade do seguro, cobrando a diferença de prêmio cabível. e) Omitir e/ou prestar informações inexatas que não resultem de má-fé, a Sociedade Seguradora poderá, na hipótese de ocorrência de sinistro, sem indenização integral: I) Cancelar o seguro após o pagamento da indenização, retendo, do prêmio originalmente pactuado, acrescido da diferença cabível, a parcela calculada proporcionalmente ao tempo decorrido, ou; II) Permitir a continuidade do seguro, cobrando a diferença de prêmio cabível, ou deduzindo-a do valor a ser indenizado. f) Omitir e/ou prestar informações inexatas que não resultem de má-fé, a Sociedade Seguradora poderá, na hipótese de ocorrência de sinistro com indenização integral, cancelar o seguro após o pagamento da indenização, deduzindo-se do valor a ser indenizado, a diferença de prêmio cabível. MSRCF Página 17

18 g) Por qualquer meio, procurar obter benefícios ilícitos do seguro a que se refere esta apólice; h) Prestar declarações inverídicas visando o pagamento de prêmio de seguro já vencido; i) Não utilizar quaisquer dispositivos de segurança exigidos por lei, por ocasião do sinistro, por negligência do condutor do veiculo segurado O VEÍCULO SEGURADO: a) Não possuir os documentos ou registro do veículo autênticos e regulares; b) Quando importado, não estiver transitando legalmente no país; c) Estiver sendo dirigido por pessoa que não possua habilitação legal e válida, apropriada para conduzi-lo, ou que esteja sob o efeito de álcool, drogas ou entorpecentes de uso fortuito, ocasional ou habitual, quando da ocorrência do sinistro. Esta hipótese de perda de direitos aplica-se em qualquer situação, abrangendo não só os atos praticados diretamente pelo segurado, mas também os praticados por toda e qualquer pessoa que estiver conduzindo o veículo, com ou sem consentimento do segurado; d) For utilizado para fim diverso do indicado neste contrato de seguro, inclusive, no tocante à carga transportada; e) Estiver sendo dirigido / utilizado pelo condutor do veículo segurado que, na ocasião do sinistro, concorra com culpa grave ou dolo, bem como tenha contribuído, por ação ou omissão para o agravamento do risco; f) Estiver com suas características originais alteradas, como por exemplo, tuning (transformação ou utilização das características do veículo), rebaixamento e turbo EM CASO DE SINISTRO: a) O segurado deixar de comunicar à Sociedade Seguradora, logo que saiba, qualquer fato suscetível de agravar o risco coberto, bem como a sua participação em ação judicial cuja causa tenha relação com o presente seguro; b) O Segurado não adotar as imediatas providências para minorar as consequências do sinistro; Página 18 MSRCF

19 c) No decorrer da regulação do sinistro for verificado que o Segurado não atende às exigências legais e regulamentares, para exercer sua atividade ou para transportar cargas; d) O segurado e/ou o condutor agravar intencionalmente o risco; e) A Seguradora constatar, durante a vigência da apólice ou quando da ocorrência do sinistro, que o veiculo segurado, bem como eventuais reboques, semirreboques, a ele atrelados, não estejam em bom estado de conservação e segurança, inclusive com relação ao regime de manutenção periódica; f) For realizado consertos, sem prévia autorização da Seguradora, quando decorrente de sinistro indenizável; g) O segurado assumir compromisso de indenização, de qualquer natureza, sem a anuência expressa da Seguradora; h) O segurado não possibilitar que a Seguradora realize todas as constatações e inspeções necessárias no veículo segurado, bem como se não preservar as peças do veículo que tenham relação direta / indireta com o sinistro; i) O segurado não encaminhar à Seguradora a documentação necessária para avaliação e liquidação do sinistro, quando solicitado; j) O condutor do veiculo segurado, quando exigido por Autoridade competente, se recusar a efetuar perícia ou outro exame que, por meios técnicos ou científicos, sejam necessários para análise e regulação do sinistro. CLÁUSULA 7 OBRIGAÇÕES DO SEGURADO / ESTIPULANTE 7.1 O Segurado obriga-se a cumprir as seguintes disposições: QUANTO AO VEÍCULO SEGURADO: a) Manter o(s) veículo(s) segurado(s) em bom estado de conservação e segurança; b) Manter a documentação do veículo devidamente atualizada e regularizada, bem como a autorização e documentação referente à carga transportada, assim como a de seu condutor; MSRCF Página 19

RESUMO DAS CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE PERDA, FURTO E ROUBO DO CARTÃO TRIBANCO

RESUMO DAS CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE PERDA, FURTO E ROUBO DO CARTÃO TRIBANCO RESUMO DAS CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE PERDA, FURTO E ROUBO DO CARTÃO TRIBANCO Estipulante: BANCO TRIÂNGULO S. A. Seguradora: PORTO SEGURO CIA DE SEGUROS GERAIS Número processo SUSEP: 15414.000223/2007-67

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS SEGURO GAR ANTIA DE ENTREGA DE OBRA CBIC (IMOBILIARIO)

CONDIÇÕES GERAIS SEGURO GAR ANTIA DE ENTREGA DE OBRA CBIC (IMOBILIARIO) CONDIÇÕES GERAIS SEGURO GAR ANTIA DE ENTREGA DE OBRA CBIC (IMOBILIARIO) ESSOR Seguros S.A CNPJ 14.5 25.684/0001-50 Process o SUSEP Nº 1 54 14.002 72 3/2 01 2-09 O registro deste plano na SUSEP não im plica,

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE PERDA, FURTO E ROUBO DE CARTÃO DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE PERDA, FURTO E ROUBO DE CARTÃO DISPOSIÇÕES PRELIMINARES CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE PERDA, FURTO E ROUBO DE CARTÃO DISPOSIÇÕES PRELIMINARES A aceitação de seguro estará sujeita à analise do risco. O registro deste plano na SUSEP não implica, por parte da

Leia mais

O Seguro garante o fiel cumprimento da construção, fornecimento e/ou prestação de serviços assumida pelo Tomador no contrato

O Seguro garante o fiel cumprimento da construção, fornecimento e/ou prestação de serviços assumida pelo Tomador no contrato G CNPJ 61.198.164/0001-60 DISPOSIÇÕES PRELIMINARES A aceitação do seguro estará sujeita à análise do risco. O registro deste plano na SUSEP não implica por parte da Autarquia, incentivo ou recomendação

Leia mais

SEGURO GARANTIA - SETOR PÚBLICO MANUAL DO SEGURADO CONDIÇÕES GERAIS Processo SUSEP Nº 15414.900183/2014-84 CNPJ: 61.383.493/0001-80 1.

SEGURO GARANTIA - SETOR PÚBLICO MANUAL DO SEGURADO CONDIÇÕES GERAIS Processo SUSEP Nº 15414.900183/2014-84 CNPJ: 61.383.493/0001-80 1. 1. OBJETO 1.1. Este contrato de seguro garante o fiel cumprimento das obrigações assumidas pelo Tomador perante o Segurado, conforme os termos da apólice e até o valor da garantia fixado nesta, e de acordo

Leia mais

ANEXO B. Condições Gerais do Seguro Coletivo para Cartões de Crédito (seguro facultativo) Cobertura 72 horas

ANEXO B. Condições Gerais do Seguro Coletivo para Cartões de Crédito (seguro facultativo) Cobertura 72 horas ANEXO B Condições Gerais do Seguro Coletivo para Cartões de Crédito (seguro facultativo) Cobertura 72 horas Central de Atendimento aos Clientes: 0800 729 7000 Cláusula 1ª - Objeto do Seguro Nº. Processo

Leia mais

1.2.2 Os honorários dos advogados serão integralmente pagos pelas partes, Segurador e Segurado, quando cada qual designar seu próprio advogado.

1.2.2 Os honorários dos advogados serão integralmente pagos pelas partes, Segurador e Segurado, quando cada qual designar seu próprio advogado. CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO EM VIAGEM INTERNACIONAL (DANOS CAUSADOS A PESSOAS OU COISAS TRANSPORTADAS OU NÃO, À EXCEÇÃO DA CARGA TRANSPORTADA) 1.

Leia mais

ÍNDICE GERAL A APRESENTAÇÃO B CONSIDERAÇÕES GERAIS C ANEXOS C.1 CONDIÇÕES GERAIS C.2 CONDIÇÕES ESPECIAIS C.3 CONDIÇÕES PARTICULARES

ÍNDICE GERAL A APRESENTAÇÃO B CONSIDERAÇÕES GERAIS C ANEXOS C.1 CONDIÇÕES GERAIS C.2 CONDIÇÕES ESPECIAIS C.3 CONDIÇÕES PARTICULARES MANUAL DO SEGURADO SEGURO FRANQUIA ZERO (Seguro de Complemento de Pagamento) USEBENS SEGUROS S/A CNPJ N. 09.180.505/0001-50 PROCESSO SUSEP Nº ÍNDICE GERAL A APRESENTAÇÃO B CONSIDERAÇÕES GERAIS C ANEXOS

Leia mais

CIRCULAR Nº 256, DE 16 DE JUNHO DE 2004

CIRCULAR Nº 256, DE 16 DE JUNHO DE 2004 SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS CIRCULAR Nº 256, DE 16 DE JUNHO DE 2004 Dispõe sobre a estruturação mínima das Condições Contratuais e das Notas Técnicas Atuariais dos Contratos de Seguros de Danos

Leia mais

SEGURO-GARANTIA CONDIÇÕES GERAIS

SEGURO-GARANTIA CONDIÇÕES GERAIS SEGURO-GARANTIA CONDIÇÕES GERAIS 1. INFORMAÇÕES PRELIMINARES... 2 2. APRESENTAÇÃO... 2 3. ESTRUTURA DO CONTRATO DE SEGURO... 2 4. OBJETIVO DO SEGURO... 3 5. DEFINIÇÕES... 3 6. FORMA DE CONTRATAÇÃO... 4

Leia mais

HDI SEGUROS S/A CONDIÇÕES GERAIS SEGURO HDI CARTA VERDE

HDI SEGUROS S/A CONDIÇÕES GERAIS SEGURO HDI CARTA VERDE HDI SEGUROS S/A CONDIÇÕES GERAIS SEGURO HDI CARTA VERDE Processo SUSEP Principal nº 15414.000861/2006-05 Sumário CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO PROPRIETÁRIO E/OU CONDUTOR DE

Leia mais

MANUAL SAFE VIDROS. Prezado Cliente,

MANUAL SAFE VIDROS. Prezado Cliente, MANUAL SAFE VIDROS Prezado Cliente, Você acaba de adquirir uma das melhores garantias de conserto e reposição de vidros, faróis, lanternas e retrovisores automotivos do mercado. Neste Manual você encontrará

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS. Plano de Seguro LUIZASEG Garantia Estendida Original

CONDIÇÕES GERAIS. Plano de Seguro LUIZASEG Garantia Estendida Original CONDIÇÕES GERAIS Plano de Seguro LUIZASEG Garantia Estendida Original São Paulo SP 24 de março de 2014 CONDIÇÕES GERAIS ÍNDICE INFORMAÇÕES PRELIMINARES... 3 DEFINIÇÃO DE TERMOS TÉCNICOS... 3 1. OBJETIVO

Leia mais

SEGURO CARTA VERDE CONDIÇÕES GERAIS. HDI Seguros S/A.

SEGURO CARTA VERDE CONDIÇÕES GERAIS. HDI Seguros S/A. SEGURO CARTA VERDE CONDIÇÕES GERAIS HDI Seguros S/A. CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO PROPIETÁRIO E/OU CONDUTOR DE VEÍCULOS TERRESTRES (AUTOMÓVEL DE PASSEIO PARTICULAR OU DE

Leia mais

Seguro de RCF Veículos. Condições Gerais

Seguro de RCF Veículos. Condições Gerais Seguro de RCF Veículos Condições Gerais ÍNDICE - CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO RESPONSABILIDADE CIVIL FACULTATIVO - VEÍCULOS Glossário de Termos Técnicos... 3 Cláusula 2 Objetivo do Seguro... 8 Cláusula 3

Leia mais

1.2.2 Os honorários dos advogados serão integralmente pagos pelas partes, Segurador e Segurado, quando cada qual designar seu próprio advogado.

1.2.2 Os honorários dos advogados serão integralmente pagos pelas partes, Segurador e Segurado, quando cada qual designar seu próprio advogado. CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO EM VIAGEM INTERNACIONAL (DANOS CAUSADOS A PESSOAS OU COISAS TRANSPORTADAS OU NÃO, À EXCEÇÃO DA CARGA TRANSPORTADA) 1.

Leia mais

SEGURO GARANTIA SETOR PÚBLICO

SEGURO GARANTIA SETOR PÚBLICO SEGURO GARANTIA SETOR PÚBLICO CONDIÇÕES GERAIS... 2 1. INFORMAÇÕES PRELIMINARES... 2 2. APRESENTAÇÃO...... 2 3. ESTRUTURA DO CONTRATO DE SEGURO... 2 4. DEFINIÇÕES... 3 5. OBJETO... 3 6. RISCOS COBERTOS...

Leia mais

CONDIÇÃO GERAL SEGURO DE GARANTIA ESTENDIDA ORIGINAL SUMÁRIO

CONDIÇÃO GERAL SEGURO DE GARANTIA ESTENDIDA ORIGINAL SUMÁRIO CONDIÇÃO GERAL SEGURO DE GARANTIA ESTENDIDA ORIGINAL SUMÁRIO 1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES... 2 2. OBJETIVO DO SEGURO... 2 3. DEFINIÇÕES... 2 4. VIGÊNCIA... 5 5. GARANTIA... 5 6. EXCLUSÕES GERAIS... 5 7.

Leia mais

CONDIÇÃO GERAL SEGURO DE GARANTIA ESTENDIDA ORIGINAL SUMÁRIO

CONDIÇÃO GERAL SEGURO DE GARANTIA ESTENDIDA ORIGINAL SUMÁRIO CONDIÇÃO GERAL SEGURO DE GARANTIA ESTENDIDA ORIGINAL SUMÁRIO 1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES... 2 2. OBJETIVO DO SEGURO... 2 3. DEFINIÇÕES... 2 4. VIGÊNCIA... 5 5. GARANTIA... 5 6. EXCLUSÕES GERAIS... 5 7.

Leia mais

1 - INFORMAÇÕES PRELIMINARES

1 - INFORMAÇÕES PRELIMINARES CONDIÇÕES GERAIS DA APÓLICE DE SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL PARA OS PROFISSIONAIS DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA REGISTRADOS NO CREA (SEGURO À BASE DE OCORRÊNCIA) 1 - INFORMAÇÕES PRELIMINARES

Leia mais

Seguro de RCF Empresas de Transporte Coletivo de Passageiros - Ônibus Urbano. Condições Gerais

Seguro de RCF Empresas de Transporte Coletivo de Passageiros - Ônibus Urbano. Condições Gerais Seguro de RCF Empresas de Transporte Coletivo de Passageiros - Ônibus Urbano Condições Gerais ÍNDICE - CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO RESPONSABILIDADE CIVIL PARA EMPRESAS DE TRANSPORTE COLETIVO DE PASSAGEIROS

Leia mais

CIRCULAR SUSEP N o 256, de 16 de junho de 2004.

CIRCULAR SUSEP N o 256, de 16 de junho de 2004. CIRCULAR SUSEP N o 256, de 16 de junho de 2004. Dispõe sobre a estruturação mínima das Condições Contratuais e das Notas Técnicas Atuariais dos Contratos de Seguros de Danos e dá outras providências. O

Leia mais

RISCOS DE ENGENHARIA CONDIÇÕES ESPECIAIS RESPONSABILIDADE CIVIL

RISCOS DE ENGENHARIA CONDIÇÕES ESPECIAIS RESPONSABILIDADE CIVIL As Coberturas Adicionais mencionadas nas Condições Especiais de Responsabilidade Civil serão aplicadas conjuntamente com as Condições Gerais e Especiais de Obras Civis em Construção, Instalação e Montagem

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS SEGURO DE EXTENSÃO DE GARANTIA ORIGINAL DO FABRICANTE

CONDIÇÕES GERAIS SEGURO DE EXTENSÃO DE GARANTIA ORIGINAL DO FABRICANTE CONDIÇÕES GERAIS SEGURO DE EXTENSÃO DE GARANTIA ORIGINAL DO FABRICANTE Cláusula 1 OBJETIVO DO SEGURO 1.1. O presente contrato de seguro tem por objetivo garantir ao Segurado, após o término de garantia

Leia mais

CIRCULAR SUSEP Nº 145, DE 07 DE NOVEMBRO DE 2.000

CIRCULAR SUSEP Nº 145, DE 07 DE NOVEMBRO DE 2.000 CIRCULAR SUSEP Nº 145, DE 07 DE NOVEMBRO DE 2.000 Dispõe sobre a estruturação mínima das Condições Contratuais e das Notas Técnicas Atuariais dos Contratos exclusivamente de Seguros de Automóvel ou dos

Leia mais

CIRCULAR SUSEP Nº 145, DE 07 DE NOVEMBRO DE 2000 Publicada no DOU de 09/11/2000 Dispõe sobre a estruturação mínima das Condições Contratuais e das

CIRCULAR SUSEP Nº 145, DE 07 DE NOVEMBRO DE 2000 Publicada no DOU de 09/11/2000 Dispõe sobre a estruturação mínima das Condições Contratuais e das CIRCULAR SUSEP Nº 145, DE 07 DE NOVEMBRO DE 2000 Publicada no DOU de 09/11/2000 Dispõe sobre a estruturação mínima das Condições Contratuais e das Notas Técnicas Atuariais dos Contratos exclusivamente

Leia mais

SEGURO GARANTIA DE OBRIGAÇÕES CONTRATUAIS DO CONSTRUTOR, DO FORNECEDOR E DO PRESTADOR DE SERVIÇOS COM COBERTURA PARA RISCOS TRABALHISTAS

SEGURO GARANTIA DE OBRIGAÇÕES CONTRATUAIS DO CONSTRUTOR, DO FORNECEDOR E DO PRESTADOR DE SERVIÇOS COM COBERTURA PARA RISCOS TRABALHISTAS CNPJ 61.198.164/0001-60 CONDIÇOES GERAIS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES A aceitação do seguro estará sujeita à análise do Risco. O registro deste plano na SUSEP não implica, por parte da Autarquia, incentivo

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS. Compra Sob Coação e Roubo em Caixa Eletrônico

CONDIÇÕES GERAIS. Compra Sob Coação e Roubo em Caixa Eletrônico CONDIÇÕES GERAIS Compra Sob Coação e Roubo em Caixa Eletrônico São Paulo SP maio de 2012 ÍNDICE 1. OBJETIVO DO SEGURO... 3 2. DEFINIÇÕES... 3 3. COBERTURA DO SEGURO... 6 4. O QUE COBRE... 6 5. RISCOS EXCLUÍDOS...

Leia mais

MANUAL DO SEGURADO SEGURO DE PERDA OU ROUBO DE CARTÕES

MANUAL DO SEGURADO SEGURO DE PERDA OU ROUBO DE CARTÕES MANUAL DO SEGURADO SEGURO DE PERDA OU ROUBO DE CARTÕES Estipulante: ATUAL TECNOLOGIA E ADMINISTRACAO DE CARTOES. CNPJ: 07.746.799/0001-09 1. OBJETIVO DO SEGURO O presente contrato de seguro tem por objetivo

Leia mais

Condições Gerais e Especiais Seguro AutoFácil

Condições Gerais e Especiais Seguro AutoFácil CARDIF DO BRASIL SEGUROS E GARANTIAS S.A. Condições Gerais e Especiais Seguro AutoFácil Automóvel Seguro de Automóvel Monitorado (PROCESSO SUSEP Nº. 15414.002050/2008-01) São Paulo-SP 14 de agosto de 2015

Leia mais

ÍNDICE GERAL A APRESENTAÇÃO B CONSIDERAÇÕES GERAIS C ANEXOS C.1 CONDIÇÕES GERAIS C.2 CONDIÇÕES ESPECIAIS C.3 CONDIÇÕES PARTICULARES

ÍNDICE GERAL A APRESENTAÇÃO B CONSIDERAÇÕES GERAIS C ANEXOS C.1 CONDIÇÕES GERAIS C.2 CONDIÇÕES ESPECIAIS C.3 CONDIÇÕES PARTICULARES MANUAL DO SEGURADO SEGURO CUSTO DOCUMENTO NOVO DO VEÍCULO USEBENS SEGUROS S/A CNPJ N. 09.180.505/0001-50 PROCESSO SUSEP Nº 15414.003553/2011-91 ÍNDICE GERAL A APRESENTAÇÃO B CONSIDERAÇÕES GERAIS C ANEXOS

Leia mais

SEGURO PERDA E ROUBO CARTÃO RENNER CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE PERDA, FURTO E ROUBO DE CARTÃO

SEGURO PERDA E ROUBO CARTÃO RENNER CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE PERDA, FURTO E ROUBO DE CARTÃO SEGURO PERDA E ROUBO CARTÃO RENNER CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE PERDA, FURTO E ROUBO DE CARTÃO PROCESSO SUSEP 15414.000223/2007-67 DISPOSIÇÕES PRELIMINARES A aceitação do seguro estará sujeita à análise

Leia mais

SEGURO PERDA E ROUBO CARTÃO RENNER CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE PERDA, FURTO E ROUBO DE CARTÃO PROCESSO SUSEP 15414.

SEGURO PERDA E ROUBO CARTÃO RENNER CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE PERDA, FURTO E ROUBO DE CARTÃO PROCESSO SUSEP 15414. SEGURO PERDA E ROUBO CARTÃO RENNER CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE PERDA, FURTO E ROUBO DE CARTÃO PROCESSO SUSEP 15414.000223/2007-67 DISPOSIÇÕES PRELIMINARES A aceitação do seguro estará sujeita à análise

Leia mais

condições gerais FLEX

condições gerais FLEX condições gerais Fique tranquilo: a QBE está aqui para te proteger, sempre. Conheça todos os detalhes e vantagens do seguro feito sob medida para as suas conquistas. FLEX SEGURO AUTO SOB MEDIDA, NO BOLSO

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS. I - Objeto do Seguro

CONDIÇÕES GERAIS. I - Objeto do Seguro CONDIÇÕES GERAIS I - Objeto do Seguro O objeto deste seguro é garantir ao Segurado, em conformidade com o estipulado nestas Condições Gerais e especiais desta apólice, seus aditivos e endossos, as indenizações

Leia mais

Seguro de Garantia Estendida Original

Seguro de Garantia Estendida Original Seguro de Garantia Estendida Original 2 Agradecemos por ter adquirido um Seguro de Garantia Estendida Original! Este folheto traz para você as principais informações e como você pode aproveitar melhor

Leia mais

Condições Gerais - Seguro de Responsabilidade Civil do Transportador Rodoviário em Viagem Internacional

Condições Gerais - Seguro de Responsabilidade Civil do Transportador Rodoviário em Viagem Internacional Condições Gerais - Seguro de Responsabilidade Civil do Transportador Rodoviário em Viagem Internacional (Danos causados a pessoas ou coisas transportadas ou não, a exceção da carga transportada). 1. OBJETO

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE PERDA, FURTO E ROUBO DE CARTÃO PROCESSO SUSEP 15414.000223/2007-67 VERSÃO 18/02/2016

CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE PERDA, FURTO E ROUBO DE CARTÃO PROCESSO SUSEP 15414.000223/2007-67 VERSÃO 18/02/2016 CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE PERDA, FURTO E ROUBO DE CARTÃO PROCESSO SUSEP 15414.000223/2007-67 VERSÃO 18/02/2016 DISPOSIÇÕES PRELIMINARES... 2 1. GLOSSÁRIO... 2 2. OBJETIVO DO SEGURO... 3 3. FORMA DE

Leia mais

Riscos Diversos 01.2007 Processo SUSEP. 10.003217/01-99

Riscos Diversos 01.2007 Processo SUSEP. 10.003217/01-99 CONDIÇÕES GERAIS SEGURO DE RISCOS DIVERSOS CLÁUSULA 1ª - OBJETO DO SEGURO 1. O presente seguro tem por objetivo garantir, dentro dos limites da importância segurada, sob as "Condições Gerais" a seguir

Leia mais

Seguro de RCF Empresas de Transporte Coletivo Lotação. Condições Gerais

Seguro de RCF Empresas de Transporte Coletivo Lotação. Condições Gerais Seguro de RCF Empresas de Transporte Coletivo Lotação de Passageiros Urbano e Interurbano Condições Gerais Índice - CONDIÇÕES GERAIS SEGURO RESPONSABILIDADE CIVIL PARA EMPRESAS DE TRANSPORTE COLETIVO LOTAÇÃO

Leia mais

CIRCULAR Nº 241, DE 9 DE JANEIRO DE 2004

CIRCULAR Nº 241, DE 9 DE JANEIRO DE 2004 Ministério da Fazenda Superintendência de Seguros Privados CIRCULAR Nº 241, DE 9 DE JANEIRO DE 2004 Dispõe sobre a estruturação mínima das condições contratuais e das notas técnicas atuariais dos contratos

Leia mais

SEGURO PROTEÇÃO CELULAR. Condições Gerais

SEGURO PROTEÇÃO CELULAR. Condições Gerais SEGURO PROTEÇÃO CELULAR Condições Gerais Versão 1.2 CNPJ 61.074.175/0001-38 Processo SUSEP nº 15414.004193/2004-15 ÍNDICE Cláusula 1 OBJETIVO DO SEGURO... 5 Cláusula 2 DEFINIÇÕES... 5 Cláusula 3 BENS COBERTOS

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO

CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO SEGURO DE EQUIPAMENTOS ELETRONICOS PORTÁTEIS SEGURO DE GARANTIA ESTENDIDA ORIGINAL Cláusula 1 DEFINIÇÕES AVARIA OU DEFEITOS PREEXISTENTES Danos existentes antes da contratação

Leia mais

SEGURO DE GARANTIA ESTENDIDA ORIGINAL ITAÚ SEGUROS S/A CONDIÇÕES CONTRATUAIS

SEGURO DE GARANTIA ESTENDIDA ORIGINAL ITAÚ SEGUROS S/A CONDIÇÕES CONTRATUAIS SEGURO DE GARANTIA ESTENDIDA ORIGINAL ITAÚ SEGUROS S/A CONDIÇÕES CONTRATUAIS 1 CG Seguro Garantia Estendida DEFINIÇÕES... 3 OBJETIVO DO SEGURO... 5 FORMA DE CONTRATAÇÃO... 6 ÂMBITO GEOGRÁFICO... 6 BENS

Leia mais

Pottencial Seguradora S.A.

Pottencial Seguradora S.A. Pottencial Seguradora S.A. Tomador: CNPJ: Endereço: EMPRESA BRASILEIRA DE TECNOLOGIA E ADMINISTRAÇÃO DE CONVÊNIOS HOM LTDA 03.506.307/0001-57 RUA MACHADO DE ASSIS, Nº 50 - EDIF. 2 -SANTA LUCIA Cidade:

Leia mais

- Riscos Operacionais Riscos de Engenharia: Processo SUSEP No: 15414.003884/2011-21. (Processo Secundário)

- Riscos Operacionais Riscos de Engenharia: Processo SUSEP No: 15414.003884/2011-21. (Processo Secundário) CLAUSULADO RISCOS OPERACIONAIS - Riscos Operacionais: Processo SUSEP N o : 15414.003129/2009-21 (Processo Principal) - Riscos Operacionais Lucros Cessantes: Processo SUSEP N o : 15414.003722/2009-78 (Processo

Leia mais

SEGURO DEGARANTIA ESTENDIDA ORIGINAL ITAÚ SEGUROS S/A (GARANTEC)

SEGURO DEGARANTIA ESTENDIDA ORIGINAL ITAÚ SEGUROS S/A (GARANTEC) SEGURO DEGARANTIA ESTENDIDA ORIGINAL ITAÚ SEGUROS S/A (GARANTEC) CONDIÇÕES CONTRATUAIS Agora você já pode contar com a tranquilidade proporcionada pelo Seguro de Garantia Estendida Original da Itaú Seguros.

Leia mais

RESOLUÇÃO CNSP N o 296, DE 2013.

RESOLUÇÃO CNSP N o 296, DE 2013. MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS RESOLUÇÃO CNSP N o 296, DE 2013. Dispõe sobre as regras e os critérios para operação do seguro de garantia estendida, quando da aquisição de

Leia mais

RESPONSABILIDADE CIVIL Profissional para Contabilistas - Pessoa Física Grupo 03 - Ramo Cód 78 - Processo SUSEP nº. 15414.

RESPONSABILIDADE CIVIL Profissional para Contabilistas - Pessoa Física Grupo 03 - Ramo Cód 78 - Processo SUSEP nº. 15414. Apresentamos, a seguir, as condições gerais que regem o Seguro de Responsabilidade Civil Profissional para Contabilistas - Pessoa Física (COBERTURA À BASE DE OCORRÊNCIA), e estabelecem suas normas de funcionamento.

Leia mais

CIRCULAR SUSEP N o 241, de 9 de janeiro de 2004.

CIRCULAR SUSEP N o 241, de 9 de janeiro de 2004. CIRCULAR SUSEP N o 241, de 9 de janeiro de 2004. Dispõe sobre a estruturação mínima das condições contratuais e das notas técnicas atuariais dos contratos de seguros de automóvel, com inclusão ou não,

Leia mais

SEGURO DE RISCOS DIVERSOS PERDA OU ROUBO DE CARTÕES

SEGURO DE RISCOS DIVERSOS PERDA OU ROUBO DE CARTÕES SEGURO DE RISCOS DIVERSOS PERDA OU ROUBO DE CARTÕES Condições Contratuais Versão 1.5 CNPJ 61.074.175/0001-38 Processo SUSEP nº 15414.004716/2004-23 Condições Contratuais Seguro de Riscos Diversos Perda

Leia mais

seguro de garantia estendida original

seguro de garantia estendida original seguro de garantia estendida original Itaú Seguros S/A Condições Contratuais Válido a partir de 16/09/2014 Para seguro garantia estendida contratado antes de 24/04/2-14 as condições gerais para consulta,

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS SEGURO GARANTIA SEGURADO SETOR PÚBLICO

CONDIÇÕES GERAIS SEGURO GARANTIA SEGURADO SETOR PÚBLICO CONDIÇÕES GERAIS CONDIÇÕES GERAIS 1. OBJETO 1.1 Este contrato de seguro garante o fiel cumprimento das obrigações assumidas pelo tomador perante o segurado, conforme os termos da apólice e até o valor

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS SOLUÇÕES AMBIENTAIS PARA PROJETOS DE INFRAESTRUTURA APÓLICE A BASE DE RECLAMAÇÃO E COMUNICAÇÃO

CONDIÇÕES GERAIS SOLUÇÕES AMBIENTAIS PARA PROJETOS DE INFRAESTRUTURA APÓLICE A BASE DE RECLAMAÇÃO E COMUNICAÇÃO ESTA É UMA APÓLICE A BASE DE RECLAMAÇÃO. ADICIONALMENTE, ESTA APÓLICE CONTÉM CERTAS DISPOSIÇÕES E REQUISITOS ÚNICOS E PODE SER DIFERENTE DE OUTRAS APÓLICES QUE O SEGURADO NOMEADO POSSA TER CONTRATADO.

Leia mais

CONTEÚDO SEGURO DE GARANTIA

CONTEÚDO SEGURO DE GARANTIA CONTEÚDO SEGURO DE GARANTIA E S T E N D I DA O R I G I N A L - C O N D I Ç Õ E S C O N T R AT UA I S 733902_MN_SEGUR_PFIN_210x297_CONTEUDO.indd 1 733902_MN_SEGUR_PFIN_210x297_CONTEUDO.indd 2 ÍNDICE D efiniç

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS RISCOS DIVERSOS Seguro GAP

CONDIÇÕES GERAIS RISCOS DIVERSOS Seguro GAP CONDIÇÕES GERAIS RISCOS DIVERSOS Seguro GAP Condições Gerais Riscos Diversos Seguro GAP A aceitação do seguro estará sujeita à análise do risco. O registro deste plano na Susep não implica, por parte da

Leia mais

Condições Gerais Capital Global. - Morte Acidental -

Condições Gerais Capital Global. - Morte Acidental - Condições Gerais Capital Global - Morte Acidental - Novembro/2007 2G Índice 1. Do Objetivo do Seguro... 05 2. Das Definições... 05 3. Do Âmbito Geográfico da Garantia do Seguro... 07 4. Da Garantia do

Leia mais

TERMO DE ADESÃO AO SEGURO DE PROTEÇÃO CONTRA PERDA OU ROUBO DE CARTÃO DE CRÉDITO

TERMO DE ADESÃO AO SEGURO DE PROTEÇÃO CONTRA PERDA OU ROUBO DE CARTÃO DE CRÉDITO TERMO DE ADESÃO AO SEGURO DE PROTEÇÃO CONTRA PERDA OU ROUBO DE CARTÃO DE CRÉDITO O presente Termo indica as condições do Seguro de Proteção contra Perda ou Roubo de CARTÃO DE CRÉDITO oferecido pelo Banco

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS SEGURO PARA ANIMAIS DE ESTIMAÇÃO

CONDIÇÕES GERAIS SEGURO PARA ANIMAIS DE ESTIMAÇÃO CONDIÇÕES GERAIS SEGURO PARA ANIMAIS DE ESTIMAÇÃO Sumário 1. OBJETIVO DO SEGURO... 2 2. DEFINIÇÕES... 2 3. RISCOS COBERTOS... 6 4. RISCOS EXCLUÍDOS... 7 5. ACEITAÇÃO DO SEGURO... 10 6. ELEGIBILIDADE...

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS. RCFV Ônibus

CONDIÇÕES GERAIS. RCFV Ônibus CONDIÇÕES GERAIS RCFV Ônibus CONDIÇÕES GERAIS RESPONSABILIDADE CIVIL - ÔNIBUS SEGURO FACULTATIVO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DAS EMPRESAS DE TRANSPORTE RODOVIÁRIO MUNICIPAL E INTERMUNICIPAL DE PASSAGEIROS

Leia mais

CERTIFICADO DE SEGURO TROCO DA SORTE

CERTIFICADO DE SEGURO TROCO DA SORTE CERTIFICADO DE SEGURO TROCO DA SORTE A Cardif do Brasil Vida e Previdência S.A., doravante denominada Seguradora e o BR Home Centers S/A., doravante denominada Estipulante, especificam nestas Condições

Leia mais

GLOSSÁRIO DE TERMOS TÉCNICOS SEGURO DE TRANSPORTES

GLOSSÁRIO DE TERMOS TÉCNICOS SEGURO DE TRANSPORTES GLOSSÁRIO DE TERMOS TÉCNICOS SEGURO DE TRANSPORTES Este glossário apresenta-se composto de palavras e expressões comumente usadas pelo mercado segurador e por vezes desconhecidas pelo grande público consumidor

Leia mais

O CONTRATO DE SEGURO NO NOVO CÓDIGO CIVIL

O CONTRATO DE SEGURO NO NOVO CÓDIGO CIVIL O CONTRATO DE SEGURO NO NOVO CÓDIGO CIVIL Do seguro Seção I Disposições gerais Art. 757. Pelo contrato de seguro, o segurador se obriga, mediante o pagamento do prêmio, a garantir interesse legítimo do

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS SEGURO DE ACIDENTES PESSOAIS COLETIVO

CONDIÇÕES GERAIS SEGURO DE ACIDENTES PESSOAIS COLETIVO CONDIÇÕES GERAIS SEGURO DE ACIDENTES PESSOAIS COLETIVO Estas Condições aplicam-se a todas as Garantias contratadas pelo Estipulante, Sub-Estipulante e/ou Segurado, dentro da apólice. O registro deste plano

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL PROFISSIONAL ADVOGADOS SEGURO À BASE DE RECLAMAÇÕES COM NOTIFICAÇÕES

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL PROFISSIONAL ADVOGADOS SEGURO À BASE DE RECLAMAÇÕES COM NOTIFICAÇÕES CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL PROFISSIONAL ADVOGADOS SEGURO À BASE DE RECLAMAÇÕES COM NOTIFICAÇÕES 1 - OBJETO DO SEGURO A seguradora pagará em nome do segurado, todos os valores

Leia mais

seguro de garantia estendida original

seguro de garantia estendida original Condições Gerais seguro de garantia estendida original Itaú Seguros S/A (Garantec) Válido a partir de 24/04/2014. Para seguro garantia estendida contratado antes de 24/04/14 as condições gerais para consulta,

Leia mais

SEGURO ZURICH DE GARANTIA ESTENDIDA ORIGINAL BILHETE - CONDIÇÕES GERAIS. ATO DOLOSO: Ato intencional praticado no intuito de prejudicar a outrem.

SEGURO ZURICH DE GARANTIA ESTENDIDA ORIGINAL BILHETE - CONDIÇÕES GERAIS. ATO DOLOSO: Ato intencional praticado no intuito de prejudicar a outrem. 1. OBJETIVO DO SEGURO O Seguro ZURICH de Garantia Estendida Original tem como objetivo propiciar ao Segurado, facultativamente e mediante o pagamento de prêmio, a extensão temporal da garantia do fornecedor

Leia mais

Pan Seguros S.A. - CNPJ: 33.245.762/0001-07 Av. Paulista, 1374 10º andar - São Paulo-SP 01310-100 15414.900610/2014-24 v01_abr14

Pan Seguros S.A. - CNPJ: 33.245.762/0001-07 Av. Paulista, 1374 10º andar - São Paulo-SP 01310-100 15414.900610/2014-24 v01_abr14 CONDIÇÕES GERAIS PLANO DE SEGURO FIANÇA LOCATÍCIA 1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1.1. A aceitação do seguro estará sujeita à análise do risco. 1.2. O registro deste plano na SUSEP não implica, por parte da

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL TRANSPORTE DE MERCADORIAS PERIGOSAS SEGURO À BASE DE OCORRÊNCIAS

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL TRANSPORTE DE MERCADORIAS PERIGOSAS SEGURO À BASE DE OCORRÊNCIAS CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL TRANSPORTE DE MERCADORIAS PERIGOSAS APRESENTAÇÃO SEGURO À BASE DE OCORRÊNCIAS 1. Apresentamos as Condições Contratuais do seu seguro Tokio Marine

Leia mais

CONDIÇÃO GERAL PERDA E ROUBO - PLUS

CONDIÇÃO GERAL PERDA E ROUBO - PLUS CONDIÇÃO GERAL PERDA E ROUBO - PLUS 1. INFORMAÇÕES PRELIMINARES A aceitação deste Seguro estará sujeita à análise do risco. O registro deste plano na SUSEP (Superintendência de Seguros Privados) não implica,

Leia mais

SEGURO DE FIANÇA LOCATÍCIA CONDIÇÕES GERAIS

SEGURO DE FIANÇA LOCATÍCIA CONDIÇÕES GERAIS SEGURO DE FIANÇA LOCATÍCIA CONDIÇÕES GERAIS 1. PARTES CONTRATANTES 1.1. Segurado: é o locador do imóvel urbano, conforme definido no contrato de locação coberto por este seguro. 1.2. Garantido: é o locatário,

Leia mais

Seguro de Penhor Rural Condições Gerais

Seguro de Penhor Rural Condições Gerais MINISTÉRIO DA FAZENDA SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS Seguro de Penhor Rural Condições Gerais CLÁUSULA 1 ª - Glossário Alagamento excesso de água decorrente de evento climático provocando danos ao

Leia mais

Nº Processo SUSEP: 10.003014/01-10 CONDIÇÕES GERAIS

Nº Processo SUSEP: 10.003014/01-10 CONDIÇÕES GERAIS CONDIÇÕES GERAIS CONDIÇÕES GERAIS DA APÓLICE DE RISCOS DIVERSOS CLÁUSULA 1ª - OBJETO DO SEGURO 1. O presente seguro tem por objetivo garantir, dentro dos limites da importância segurada, sob as "Condições

Leia mais

SCP - SEGURO CARTÃO PROTEGIDO CRÉDITO / MÚLTIPLO / DÉBITO Condições Gerais e Contrato

SCP - SEGURO CARTÃO PROTEGIDO CRÉDITO / MÚLTIPLO / DÉBITO Condições Gerais e Contrato A Santander Brasil Seguros S/A, designada seguradora e o estipulante designado no Contrato de Seguro, contratam o SCP - SEGURO CARTÃO PROTEGIDO CRÉDITO / MÚLTIPLO / DÉBITO, nas condições que se seguem:

Leia mais

Seguro de Garantia Estendida Original Condições Gerais Virginia Surety Companhia de Seguros do Brasil CNPJ: 03.505.295/0001-46 Processo SUSEP

Seguro de Garantia Estendida Original Condições Gerais Virginia Surety Companhia de Seguros do Brasil CNPJ: 03.505.295/0001-46 Processo SUSEP Seguro de Garantia Estendida Original Condições Gerais Virginia Surety Companhia de Seguros do Brasil CNPJ: 03.505.295/0001-46 SUMÁRIO CONDIÇÕES GERAIS... 3 Cláusula 1 OBJETIVO DO SEGURO... 3 Cláusula

Leia mais

Apresentamos as cláusulas contratuais que regem a APÓLICE DE SEGURO COMPREENSIVO HABITACIONAL, e estabelecem as suas normas de funcionamento.

Apresentamos as cláusulas contratuais que regem a APÓLICE DE SEGURO COMPREENSIVO HABITACIONAL, e estabelecem as suas normas de funcionamento. Cláusulas Contratuais Apresentamos as cláusulas contratuais que regem a APÓLICE DE SEGURO COMPREENSIVO HABITACIONAL, e estabelecem as suas normas de funcionamento. Para fins de garantia, serão consideradas

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PORTO SEGURO GARANTIA ESTENDIDA SUSEP Nº. 15414.902054/2014-21 VERSÃO 10/07/2015

CONDIÇÕES GERAIS PORTO SEGURO GARANTIA ESTENDIDA SUSEP Nº. 15414.902054/2014-21 VERSÃO 10/07/2015 CONDIÇÕES GERAIS PORTO SEGURO GARANTIA ESTENDIDA SUSEP Nº. 15414.902054/2014-21 VERSÃO 10/07/2015 DISPOSIÇÕES PRELIMINARES.... 2 1. GLOSSÁRIO... 2 2. OBJETIVO DO SEGURO... 3 3. FORMA DE CONTRATAÇÃO DO

Leia mais

SEGURO DE GARANTIA ESTENDIDA-Extensão de Garantia Diferenciada. Grupo 01- Patrimonial - Ramo 95 Garantia Estendida

SEGURO DE GARANTIA ESTENDIDA-Extensão de Garantia Diferenciada. Grupo 01- Patrimonial - Ramo 95 Garantia Estendida SEGURO DE GARANTIA ESTENDIDA-Extensão de Garantia Diferenciada Grupo 01- Patrimonial - Ramo 95 Garantia Estendida I. A aceitação do seguro estará sujeita à análise do risco. II. III. O registro deste plano

Leia mais

I CONDIÇÕES GERAIS 1. APRESENTAÇÃO

I CONDIÇÕES GERAIS 1. APRESENTAÇÃO 1. APRESENTAÇÃO I CONDIÇÕES GERAIS Apresentamos a seguir as Condições Gerais do seu seguro Perda e Roubo do Cartão de Crédito, que estabelecem as normas de funcionamento das garantias contratadas. Para

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR FERROVIÁRIO CARGA COBERTURA RESTRITA

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR FERROVIÁRIO CARGA COBERTURA RESTRITA CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR FERROVIÁRIO CARGA COBERTURA RESTRITA Cláusula 1 a. - OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS 1.1O presente seguro garante ao Segurado,

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS SOCORRO AUTO ITAÚ ITAÚ SEGUROS DE AUTO E RESIDÊNCIA S.A VERSÃO: NOVEMBRO/2012

CONDIÇÕES GERAIS SOCORRO AUTO ITAÚ ITAÚ SEGUROS DE AUTO E RESIDÊNCIA S.A VERSÃO: NOVEMBRO/2012 CONDIÇÕES GERAIS SOCORRO AUTO ITAÚ ITAÚ SEGUROS DE AUTO E RESIDÊNCIA S.A VERSÃO: NOVEMBRO/2012 Processo SUSEP 15414.000536/2010-11 RAMO 0553 1 de 21 SUMÁRIO DISPOSIÇÕES PRELIMINARES... 3 1. OBJETIVO DO

Leia mais

Seguro de Garantia Estendida Extensão de Garantia Original. Condições Gerais para Eletrodomésticos e Eletroeletrônicos

Seguro de Garantia Estendida Extensão de Garantia Original. Condições Gerais para Eletrodomésticos e Eletroeletrônicos Seguro de Garantia Estendida Extensão de Garantia Original Condições Gerais para Eletrodomésticos e Eletroeletrônicos CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE GARANTIA ESTENDIDA EXTENSÃO DE GARANTIA ORIGINAL PARA

Leia mais

Manual seguro do segurado GAP 1

Manual seguro do segurado GAP 1 Manual seguro do segurado GAP 1 Seguro GAP: muito mais tranquilidade na compra do seu veículo Parabéns! Você está adquirindo o Seguro Garantia GAP, da MAPFRE, desenvolvido especialmente para os clientes

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS RESERVE CLUBCAR

CONDIÇÕES GERAIS RESERVE CLUBCAR Seja bem-vindo à Blue Service Assistance, a opção mais vantajosa em assistência e clube de vantagens. É uma enorme satisfação ter você como nosso associado. A Blue Service Assistance está cada vez mais

Leia mais

11 de fevereiro de 2010. DESEPE Nº 2010.02.1010/CE

11 de fevereiro de 2010. DESEPE Nº 2010.02.1010/CE 11 de fevereiro de 2010. DESEPE Nº 2010.02.1010/CE CONDIÇÕES PARTICULARES DO SEGURO DE VIDA EM GRUPO E ACIDENTES PESSOAIS CONVEÇÃO COLETIVA DO SINDICATO DOS CONCESSIONÁRIOS E DISTRIBUIDORES DE VEÍCULOS

Leia mais

REGULAMENTOS DAS COBERTURAS OPCIONAIS PREVCAR AUTO

REGULAMENTOS DAS COBERTURAS OPCIONAIS PREVCAR AUTO REGULAMENTOS DAS COBERTURAS OPCIONAIS PREVCAR AUTO RESPONSABILIDADE CIVIL FACULTATIVA ESTA COBERTURA NÃO PODERÁ SER CONTRATADA ISOLADAMENTE FICANDO CONDICIONADA À COBERTURA DO EQUIPAMENTO ATIVO CADASTRADO

Leia mais

Seguro GAP Nota Fiscal Condições Contratuais Virginia Surety Companhia de Seguros do Brasil CNPJ:03.505.295/0001-46 Processo SUSEP

Seguro GAP Nota Fiscal Condições Contratuais Virginia Surety Companhia de Seguros do Brasil CNPJ:03.505.295/0001-46 Processo SUSEP Seguro GAP Nota Fiscal Condições Contratuais Virginia Surety Companhia de Seguros do Brasil CNPJ:03.505.295/0001-46 Processo SUSEP 15414.901834/2014-53 Índice Cláusula 1 OBJETIVO DO SEGURO... 3 Cláusula

Leia mais

SEGURO DE PERDA OU ROUBO DE CARTÕES DE CRÉDITO. Condições Gerais

SEGURO DE PERDA OU ROUBO DE CARTÕES DE CRÉDITO. Condições Gerais SEGURO DE PERDA OU ROUBO DE CARTÕES DE CRÉDITO Condições Gerais Versão 1.1 CNPJ 61.074.175/0001-38 Processo SUSEP nº 15414.004716/2004-23 2 ÍNDICE Cláusula 1 OBJETIVO DO SEGURO... 5 Cláusula 2 DEFINIÇÕES...

Leia mais

CARDIF DO BRASIL SEGUROS E GARANTIAS S.A. (CÓDIGO SUSEP: 0293-3) Condições Gerais e Especiais CARDIF Cartão Protegido

CARDIF DO BRASIL SEGUROS E GARANTIAS S.A. (CÓDIGO SUSEP: 0293-3) Condições Gerais e Especiais CARDIF Cartão Protegido CARDIF DO BRASIL SEGUROS E GARANTIAS S.A. (CÓDIGO SUSEP: 0293-3) Condições Gerais e Especiais CARDIF Cartão Protegido São Paulo SP dezembro de 2014 ÍNDICE CONDIÇÕES GERAIS 1. OBJETIVO DO SEGURO... 3 2.

Leia mais

SEGURO DE AUTOMÓVEL CASCO ÔNIBUS. condições gerais e manual do segurado

SEGURO DE AUTOMÓVEL CASCO ÔNIBUS. condições gerais e manual do segurado SEGURO DE AUTOMÓVEL CASCO ÔNIBUS condições gerais e manual do segurado Prezado(a) Cliente, Obrigado por escolher o Seguro Casco Ônibus da ESSOR Seguros S.A. Este livreto é divido em duas partes. Na primeira,

Leia mais

MANUAL DO SEGURO CARTÃO PROTEGIDO PREMIADO

MANUAL DO SEGURO CARTÃO PROTEGIDO PREMIADO MANUAL DO SEGURO CARTÃO PROTEGIDO PREMIADO Atenção: Este manual é apenas informativo. As coberturas deste produto estão sujeitas as Condições Gerais e Especiais do Seguro Cartão Protegido e Seguro de Acidentes

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO EXCELSIOR AP COLETIVO

CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO EXCELSIOR AP COLETIVO CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO EXCELSIOR AP COLETIVO CLÁUSULA 1 DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1. O EXCELSIOR AP COLETIVO é um plano de seguro de Acidentes Pessoais Coletivo, destinado a cobrir riscos exclusivamente

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA SEGURO FACULTATIVO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO POR DESAPARECIMENTO DE CARGA RCF-DC

CONDIÇÕES GERAIS PARA SEGURO FACULTATIVO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO POR DESAPARECIMENTO DE CARGA RCF-DC 1. Segurado Pelo presente contrato, Segurado é a empresa de transportes regularmente constituída, nos termos do Art. 10, inciso I, do Decreto nº 89.874, de 28.06.84. 2. Objeto do Seguro e Riscos Cobertos

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL PROFISSIONAL CONTABILIDADE Seguro à Base de Reclamações com Notificações

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL PROFISSIONAL CONTABILIDADE Seguro à Base de Reclamações com Notificações CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE CONTABILIDADE Seguro à Base de Reclamações com Notificações Aviso Importante: Antes da contratação do seguro, leia as condições na íntegra, para o corretor entendimento

Leia mais