Anexo I MODELO DE PROJETO DE EVENTOS SELEÇÃO 2012

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Anexo I MODELO DE PROJETO DE EVENTOS SELEÇÃO 2012"

Transcrição

1 1 Anexo I MODELO DE PROJETO DE EVENTOS SELEÇÃO NOME DA ONG: NOME DO PROJETO: POPULAÇÃO ALVO: ÁREA GEOGRÁFICA ABRANGIDA PELO PROJETO: (Regiões do estado, do município, bairros, etc) 2. DADOS INSTITUCIONAIS NOME DA INSTITUIÇÃO: REGISTRO NO CADASTRO NACIONAL DE PESSOA JURÍDICA (CNPJ): SITUAÇÃO CADASTRAL (ATIVA) OU (INATIVA) ENDEREÇO: CIDADE: ESTADO: CEP: TELEFONE: ( ) FAX: ( ) CORREIO ELETRÔNICO: PÁGINA ELETRÔNICA (caso tenha): 3. DADOS ORÇAMENTÁRIOS DO PROJETO REPASSE SOLICITADO R$ [ ] 4. INSUMOS PRESERVATIVO MASCULINO 5. IDENTIFICAÇÃO DOS RESPONSÁVEIS DA INSTITUIÇÃO (aquele a quem o Estatuto da instituição confere poderes para representá-la judicial e extrajudicialmente): NOME COMPLETO: CARGO NÚMERO RG: CPF ELEIÇÃO DA DIRETORIA REALIZADA EM / / ATA DE POSSE DA DIRETORIA, DATADA DE / / MANDATO DE ANOS COM INÍCIO EM / / E TÉRMINO EM / / ENDEREÇO ELETRÔNICO:

2 2 6. DESCRIÇÃO DA INSTITUIÇÃO Apresentar um breve histórico da instituição. Incluir estrutura física (indicar se própria ou não) e áreas de atuação. (Máximo de 20 linhas - fonte tamanho 12) 7. EXPERIÊNCIAS ANTERIORES Descrever as iniciativas anteriores que comprovem experiências prévias (afinada com a proposta aqui apresentada). Incluir projetos em andamento, instituições financiadoras e valor do financiamento. (Máximo de 20 linhas - fonte tamanho 12) 8. DIAGNÓSTICO DO CONTEXTO DE VULNERABILIDADE Com base nos dados identificados, nas informações levantadas com a comunidade local e a experiência da instituição, descreva o contexto de vulnerabilidade, e identifique o(s) problema(s) que este projeto se propõe a trabalhar. Citar as fontes de informações. (Máximo de 50 linhas - fonte tamanho 12) 9. DESCRIÇÃO DO PROJETO OBJETIVO DO PROJETO: Considerando o contexto de vulnerabilidade, e o(s) problema(s) identificado(s), descreva o(s) objetivo(s) que o projeto pretende alcançar. Na construção do(s) objetivo(s) considere: coerência com o(s) problema(s) identificado(s), a relevância da intervenção para o enfrentamento do problema, e se a situação local é favorável. (Máximo de 20 linhas - fonte tamanho 12) 10. DADOS DO EVENTO; 10.1 Público Alvo: 10.2 Numero Estimado de participantes 10.3 Local e data previsto para o evento 10.4 Abrangência geográfica do eventos (nº de municípios e/ou estado) 11. INTEGRAÇÃO COM O SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE (SUS) Descrever o processo que permitirá a integração da instituição com o SUS: estratégia(s) de formalização e o envolvimento dos diferentes setores. (Máximo de 20 linhas - fonte tamanho 12)

3 3 12. RELEVÂNCIA DO EVENTO: 13. ARTICULAÇÃO COM OUTRAS INSTITUIÇÕES Organizações da Sociedade Civil, sindicatos, universidades, escolas, presídios, Fundação Casa, outras secretarias, etc. Descrever: qual foi a motivação para buscar a parceria, como ela se dará, e em que momento ocorrerá. É necessário fazer constar Carta de Anuência e Termo de Compromisso das INSTITUIÇÕES PARCEIRAS. (Máximo de 20 linhas - fonte tamanho 12) 14. TEMAS ABORDADOS/DESENVOLVIDOS NO EVENTO (Identificar os temas abordados/desenvolvidos nas atividades do evento e qual a sua pertinência em relação ao objetivo do mesmo). (Máximo de 20 linhas - fonte tamanho 12) 15. DESCRIÇÃO DA PRODUÇÃO DO CONHECIMENTO, DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS DO EVENTO E ACOMPANHAMENTO DOS ENCAMINHAMENTOS PROPOSTOS. (Citar como se pretende produzir conhecimento, divulgar os resultados e acompanhar os encaminhamentos do evento)

4 16. CRONOGRAMA DE EXECUÇÃO Nº ATIVIDADES/AÇÕES Coordenação Estadual das DST/AIDS

5 PRODUTOS ESPERADOS (São os efeitos/conseqüências imediatas das atividades. Forma de comprovação das atividades que foram realizadas) N.º Atividade PRODUTO ESPERADO 16.2 RESULTADOS ESPERADOS (São os efeitos na POPULAÇÃO-ALVO. Os resultados incluem vários tipos de efeitos, podendo focar o conhecimento, as atitudes, o comportamento etc) N.º Atividade DESCRIÇÃO

6 6 17. ORÇAMENTO Nº INSUMOS (quantificar todos os itens) QUANTIDADE VALOR REPASSE UNITÁRIO SOLICITADO CONTRA- PARTIDA TOTAL Ass. PRESIDENTE OU RESPONSÁVEL LEGAL Ass. COORDENADOR DO PROJETO Obs: 1. Numerar as atividades em acordo com o quadro de atividades; 2. O valor gasto com material educativo e/ou informativo não poderá ser superior a 10% do valor total do projeto; 3. Na última coluna (TOTAL) é necessário indicar o valor referente à somatória do repasse solicitado MAIS CONTRA PARTIDA; 4. Adicionar folhas suplementares, se necessário. 5. Apresentar memória de cálculo para cada item do orçamento. Ex.: 2 coffee breaks x 20 pessoas x 2 dias = R$ 5,00 x 20 x 2 = R$ 200,00.

7 PLANO DE APLICAÇÃO Coordenação Estadual de DST/Aids Projetos de Eventos Edital 001/2012 DST/Aids I IDENTIFICAÇÃO DO ÓRGÃO OU ENTIDADE 01 CNPJ 02- NOME DO ORGÃO OU ENTIDADE 03- EXERCICIO 04- ENDEREÇO COMPLETO 05- Nº 06- REGIONAL DE SAÚDE 07 MUNICÍPIO 08- CAIXA POSTAL 09- CEP 10- UF 11- DDD 12- FONE 13- FAX NOME DO COORDENADOR RESPONSÁVEL PELO CONVÊNIO 16- TELEFONE 17- II IDENTIFICAÇÃO DO DIRIGENTE DO ÓRGÃO OU ENTIDADE 18- NOME DO DIRIGENTE DA ENTIDADE 19- CPF Nº 20- CARGO OU FUNÇÃO 21- DATA DA POSSE 22- RG Nº 23- EXPEDIÇÃO/DATA 24-- ÓRGÃO EXPEDIDOR 25- ENDEREÇO RESIDENCIAL COMPLETO 26- CONTA BANCÁRIA 1 BANCO: AGENCIA: Nº DA CONTA : 1 Os dados bancários deverão ser encaminhados, posteriormente pelas entidades aprovadas pelo edital 002/2010. Coordenação Estadual das DST/AIDS

8 8 III - DESCRIÇÃO DO PLANO Identificação do Serviço Estimativas de Metas a serem atingidas Destinatários do Serviço - População beneficiada Justificativa da Solicitação IV - ESTIMATIVA DE CUSTO Discriminação DESPESAS CORRENTES: Material de Consumo Serviços de Terceiros Pessoa Física e encargos Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica Custo Unitário Total TOTAL R$ DESPESAS DE CAPITAL: Equipamentos e Material Permanente TOTAL: R$ VALOR TOTAL (Correntes e Capital) Capacidade Instalada Período de Execução: Convenial Início: Após a liberação dos recursos Fim: Consoante à Cláusula de Vigência do Instrumento

9 9 V - CRONOGRAMA DE DESEMBOLSO Meta 1ª parcela 2ª parcela VI DECLARAÇÃO Na qualidade de representante legal do proponente, declaro, para fins de celebração de Convênio/Transferência junto à SESA/ISEP e sob as penas da lei, em especial do artigo 299 do código Penal, que inexiste qualquer débito em mora ou situação de inadimplência com o Tesouro Nacional/Estadual, ou qualquer outro órgão ou entidade da Administração Pública Federal/Estadual, que impeça a transferência de recursos oriundos de dotações consignadas nos orçamentos da União/Estado, na forma deste Plano de Aplicação. Pede Deferimento, Local e Data Assinatura Proponente APROVO O PRESENTE PLANO DE APLICAÇÃO SECRETÁRIO DE ESTADO DA SAÚDE

10 10

11 11

12 12

Plano de Trabalho Com Repasse de Recurso Financeiro

Plano de Trabalho Com Repasse de Recurso Financeiro Plano de Trabalho Com Repasse de Recurso Financeiro 1 - DADOS CADASTRAIS Orgão/ Entidade Proponente CGC Endereço Cidade UF CEP DDD/Telefone E.A. Conta Corrente Banco Agência Praça/Pgto. Nome do Responsável

Leia mais

ANEXO I PROPOSTA DE PROJETO ONG

ANEXO I PROPOSTA DE PROJETO ONG ANEXO I PROPOSTA DE PROJETO ONG NOME DO PROJETO: 1. DADOS INSTITUCIONAIS NOME DA INSTITUIÇÃO: EQUIPE: (1) Número de voluntários: (2) Número de pessoas remuneradas: ENDEREÇO: CIDADE: ESTADO: CEP: TELEFONE:

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE GERÊNCIA EXECUTIVA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE GEVS GERÊNCIA OPERACIONAL DAS DST / AIDS E HEPATITES VIRAIS

SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE GERÊNCIA EXECUTIVA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE GEVS GERÊNCIA OPERACIONAL DAS DST / AIDS E HEPATITES VIRAIS PROPOSTA DE PROJETO ONG NOME DO PROJETO: 1. DADOS INSTITUCIONAIS NOME DA INSTITUIÇÃO: ENDEREÇO: CIDADE: ESTADO: CEP: TELEFONE: FAX: CORREIO ELETRÔNICO (caso tenha): HOMEPAGE (caso tenha) : 2. DADOS DO

Leia mais

Fluxo do Processo de Convênio, Acordo, Protocolo de Intenções

Fluxo do Processo de Convênio, Acordo, Protocolo de Intenções Fluxo do Processo de Convênio, Acordo, Protocolo de Intenções 1º Passo: A unidade interessada em celebrar o Convênio (ou Acordo ou Protocolo de Intenções) deverá formalizar solicitação abrindo processo,

Leia mais

3 INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO BÁSICO

3 INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO BÁSICO 3 INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO BÁSICO IDENTIFICAÇÃO Nome do projeto Instituição proponente CNPJ/MF da Instituição proponente Responsável pela instituição proponente (nome, CPF, RG, endereço, telefone,

Leia mais

FUNDO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE DE BELÉM-PA E DO TESOURO MUNICIPAL EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS- Nº 01/2015

FUNDO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE DE BELÉM-PA E DO TESOURO MUNICIPAL EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS- Nº 01/2015 FUNDO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO DE BELÉM-PA E DO TESOURO MUNICIPAL 1 PREÂMBULO RESOLUÇÃO Nº 05/2015 Publica o Edital de Seleção de Projetos das Organizações Não-Governamentais, a serem apoiados

Leia mais

PLANO DE TRABALHO. Avenida José Fuedd Sebba, nº 1.170, Jardim Goiás, Estádio Serra Dourada, Ala Norte GERÊNCIA DE CONTRATOS E CONVÊNIO

PLANO DE TRABALHO. Avenida José Fuedd Sebba, nº 1.170, Jardim Goiás, Estádio Serra Dourada, Ala Norte GERÊNCIA DE CONTRATOS E CONVÊNIO 1- IDENTIFICAÇÃO DO PROJETO TÍTULO: MODALIDADES 1.1 IDENTIFICAÇÃO DO PROPONENTE - PESSOA JURÍDICA Entidade: CNPJ: Endereço: Município/UF: CEP: Telefone: E-mail: 1.2 REPRESENTANTE LEGAL DO PROPONENTE Dirigente:

Leia mais

ANEXO IV. FORMULÁRIO PARA SOLICITAÇÃO DE APOIO INSTITUCIONAL Edital 01/2015 - Assistência Técnica

ANEXO IV. FORMULÁRIO PARA SOLICITAÇÃO DE APOIO INSTITUCIONAL Edital 01/2015 - Assistência Técnica ANEXO IV FORMULÁRIO PARA SOLICITAÇÃO DE APOIO INSTITUCIONAL Edital 01/2015 - Assistência Técnica INSTRUÇÕES: 1. Preencha integralmente o formulário. Nos casos em que o item solicitado não for pertinente,

Leia mais

EDITAL N.º01/2015 1. APRESENTAÇÃO

EDITAL N.º01/2015 1. APRESENTAÇÃO EDITAL N.º01/2015 O Conselho Municipal do Idoso CMI, no uso das atribuições legais que lhe confere a Lei Municipal N.º 3.548 de 24 de março de 2009, torna público que está disponibilizando recursos oriundos

Leia mais

ANEXO III. FORMULÁRIO PARA SOLICITAÇÃO DE APOIO INSTITUCIONAL Edital 02/2015 Patrocínio Cultural

ANEXO III. FORMULÁRIO PARA SOLICITAÇÃO DE APOIO INSTITUCIONAL Edital 02/2015 Patrocínio Cultural ANEXO III FORMULÁRIO PARA SOLICITAÇÃO DE APOIO INSTITUCIONAL Edital 02/2015 Patrocínio Cultural INSTRUÇÕES: 1. Preencha integralmente o formulário. Nos casos em que o item solicitado não for pertinente,

Leia mais

CHAMADA PARA SELEÇÃO DE PROPOSTAS 2009 Trabalho em rede de organizações não governamentais para populações vulneráveis às DST/HIV/Aids

CHAMADA PARA SELEÇÃO DE PROPOSTAS 2009 Trabalho em rede de organizações não governamentais para populações vulneráveis às DST/HIV/Aids CHAMADA PARA SELEÇÃO DE PROPOSTAS 2009 Trabalho em rede de organizações não governamentais para populações vulneráveis às DST/HIV/Aids 1. INTRODUÇÃO A parceria entre o Programa Nacional de DST e Aids,

Leia mais

Nº / ANO DA PROPOSTA: 090339/2009 DADOS DO CONCEDENTE OBJETO:

Nº / ANO DA PROPOSTA: 090339/2009 DADOS DO CONCEDENTE OBJETO: MINISTERIO DA SAUDE PORTAL DOS CONVÊNIOS SICONV - SISTEMA DE GESTÃO DE CONVÊNIOS Nº / ANO DA PROPOSTA: 090339/2009 OBJETO: DADOS DO CONCEDENTE Produção de materiais instrucionais para curso à distância

Leia mais

ANEXO I TÍTULO DO PROJETO. Bairro: Cidade: Estado: CEP: Mandato (Dia/Mês/Ano): Início: Término: Identidade: Bairro: Cidade: Estado: CEP:

ANEXO I TÍTULO DO PROJETO. Bairro: Cidade: Estado: CEP: Mandato (Dia/Mês/Ano): Início: Término: Identidade: Bairro: Cidade: Estado: CEP: ANEXO I CHAMADA PARA SELEÇÃO DE PROJETOS PARA FORTALECER AÇÕES DE PROMOÇÃO E DEFESA DOS DIREITOS HUMANOS RELACIONADO À EPIDEMIA DE DST/HIV/AIDS E HEPATITES VIRAIS. TÍTULO DO PROJETO 1. DADOS DA INSTITUIÇÃO

Leia mais

Plano de Trabalho Sem Repasse de Recurso Financeiro

Plano de Trabalho Sem Repasse de Recurso Financeiro Plano de Trabalho Sem Repasse de Recurso Financeiro 1 - DADOS CADASTRAIS Orgão/ Entidade Proponente CGC Endereço Cidade UF CEP DDD/Telefone E.A. Nome do Responsável CPF C.I. Orgão Exp. Cargo Função Matrícula

Leia mais

EXEMPLO PAPEL TIMBRADO DA ENTIDADE REQUERENTE ANEXO II DA RESOLUÇÃO Nº 1.032, DE 30 DE MARÇO DE 2011 MODELO DE PLANO DE TRABALHO

EXEMPLO PAPEL TIMBRADO DA ENTIDADE REQUERENTE ANEXO II DA RESOLUÇÃO Nº 1.032, DE 30 DE MARÇO DE 2011 MODELO DE PLANO DE TRABALHO EXEMPLO PAPEL TIMBRADO DA ENTIDADE REQUERENTE ANEXO II DA RESOLUÇÃO Nº 1.032, DE 30 DE MARÇO DE 2011 MODELO DE PLANO DE TRABALHO 1. DADOS CADASTRAIS (Objetiva registrar os dados cadastrais da entidade

Leia mais

SELEÇÃO PÚBLICA DE PROJETOS SOCIAIS EDITAL 2014

SELEÇÃO PÚBLICA DE PROJETOS SOCIAIS EDITAL 2014 Instituto Marca de Desenvolvimento Socioambiental - IMADESA SELEÇÃO PÚBLICA DE PROJETOS SOCIAIS EDITAL 2014 >> Leia com atenção o Edital antes de preencher o formulário para apresentação de projetos. I.

Leia mais

SENHOR (A) COORDENADOR (A) DO PROJETO DE PESQUISA.

SENHOR (A) COORDENADOR (A) DO PROJETO DE PESQUISA. CHECK LIST PARA O PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO DE SUBMISSÃO DE PROJETO DE PESQUISA CHAMADA PARA SELEÇÃO DE PESQUISAS NAS ÁREAS BIOMÉDICA, CLÍNICA, EPI- DEMIOLÓGICA, SOCIAL E COMPORTAMENTAL EM DST/HIV/AIDS

Leia mais

UNIÃO DOS ESCOTEIROS DO BRASIL

UNIÃO DOS ESCOTEIROS DO BRASIL UNIÃO DOS ESCOTEIROS DO BRASIL EDITAL DE SELEÇÃO E FINANCIAMENTO DE PROJETOS ESCOTEIROS -1/2013 A União dos Escoteiros do Brasil torna público o Edital para seleção e financiamento de projetos escoteiros,

Leia mais

CONSELHO MUNICIPAL DE ASSISTENCIA SOCIAL - CMAS EDITAL 001/2014. Conselho Municipal de Assistência Social- CMAS

CONSELHO MUNICIPAL DE ASSISTENCIA SOCIAL - CMAS EDITAL 001/2014. Conselho Municipal de Assistência Social- CMAS EDITAL 001/2014 Conselho Municipal de Assistência Social- CMAS O CONSELHO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL - CMAS TORNA PÚBLICO O PROCESSO DE SELEÇÃO DE ENTIDADES E ORGANIZAÇÃO DE ASSISTÊNCIA SOCIAL, PROGRAMAS,

Leia mais

Prefeitura do Município de Diadema Secretaria de Assistência Social e Cidadania Setor de Monitoramento e Avaliação

Prefeitura do Município de Diadema Secretaria de Assistência Social e Cidadania Setor de Monitoramento e Avaliação USAR PAPEL TIMBRADO DA INSTITUIÇÃO MODELO DE PROPOSTA Diadema, de de 2014. À Comissão Técnica A (nome da entidade) ao participar do edital de chamamento público, por meio da Secretaria de Assistência Social

Leia mais

MODELO: FICHA DE REGISTRO DE ENTIDADE

MODELO: FICHA DE REGISTRO DE ENTIDADE MODELO: FICHA DE REGISTRO DE ENTIDADE A inscrição da Entidade no CMDCA é preconizada no Estatuto da Criança e do Adolescente, Art. 90 em seu parágrafo único e no Art. 91 as entidades não-governamentais

Leia mais

FORMULÁRIO DE APRESENTAÇÃO DE PROJETOS. PDA MATA ATLÂNTICA Atualização do Mapa da Cobertura Vegetal Nativa da Mata Atlântica

FORMULÁRIO DE APRESENTAÇÃO DE PROJETOS. PDA MATA ATLÂNTICA Atualização do Mapa da Cobertura Vegetal Nativa da Mata Atlântica FORMULÁRIO DE APRESENTAÇÃO DE PROJETOS PDA MATA ATLÂNTICA Atualização do Mapa da Cobertura Vegetal Nativa da Mata Atlântica 1. IDENTIFICAÇÃO DO PROJETO: 1.1. TÍTULO: Atualização do Mapa da Cobertura Vegetal

Leia mais

II Concurso de Projetos Sociais Volkswagen na Comunidade 2009

II Concurso de Projetos Sociais Volkswagen na Comunidade 2009 II Concurso de Projetos Sociais Volkswagen na Comunidade 2009 Introdução Com os objetivos de: Promover, conhecer e prestar reconhecimento aos empregados e terceiros residentes que realizam trabalhos voluntários

Leia mais

~ ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL GABINETEDAGOVERNADORA TERMO DE CONVÊNIO N 67/2010

~ ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL GABINETEDAGOVERNADORA TERMO DE CONVÊNIO N 67/2010 ~ GABINETEDAGOVERNADORA TERMO DE CONVÊNIO N 67/2010 Convênio que celebram o PODER EXECUTIVO DO, por intermédio da SECRETARIA DA SEGURANÇA PÚBLICA, com a interveniência da POLíCIA CIVIL, e o MINISTÉRIO

Leia mais

REDE DE PONTOS DE CULTURA DE GOVERNADOR VALADARES - MG ANEXO III PLANO DE TRABALHO E CRONOGRAMA DE DESEMBOLSO. Plano de Trabalho

REDE DE PONTOS DE CULTURA DE GOVERNADOR VALADARES - MG ANEXO III PLANO DE TRABALHO E CRONOGRAMA DE DESEMBOLSO. Plano de Trabalho ANEXO III PLANO DE TRABALHO E CRONOGRAMA DE DESEMBOLSO 11. ORÇAMENTO Plano de Trabalho ORÇAMENTO - Detalhe aqui os itens de despesa necessários à execução da proposta (meta, etapa ou fase), em conformidade

Leia mais

Orientações para preenchimento do Plano de Trabalho específico para o PRONAF Infra-Estrutura e Serviços Municipais

Orientações para preenchimento do Plano de Trabalho específico para o PRONAF Infra-Estrutura e Serviços Municipais PROGRAMA NACIONAL DE FORTALECIMENTO DA AGRICULTURA FAMILIAR Orientações para preenchimento do Plano de Trabalho específico para o PRONAF Infra-Estrutura e Serviços Municipais Brasília, fevereiro de 2004

Leia mais

Chamamento Público para o Programa Educação e Cultura nas Escolas Públicas/ Pesquisa-ação em iniciativas educacionais

Chamamento Público para o Programa Educação e Cultura nas Escolas Públicas/ Pesquisa-ação em iniciativas educacionais MINISTÉRIO DA CULTURA SECRETARIA DE POLÍTICAS CULTURAIS - SPC DIRETORIA DE EDUCAÇÃO E COMUNICAÇÃO - DEC CHAMAMENTO PUBLICO N 01/2011 Chamamento Público para o Programa Educação e Cultura nas Escolas Públicas/

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL SEÇÃO JUDICIÁRIA DO RIO DE JANEIRO

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL SEÇÃO JUDICIÁRIA DO RIO DE JANEIRO EDITAL Nº JFRJ-EDT-2015/00176 EDITAL DE EDITAL PÚBLICO DE CADASTRAMENTO E SELEÇÃO DE ENTIDADES (PRAZO DE PRAZO PARA APRESENTAÇÃO DE DOCUMENTOS: ATÉ 01 DE DEZEMBRO DE 2015) O DOUTOR FÁBIO DE SOUZA SILVA,

Leia mais

EDITAL 07/2015 DE CHAMADA PÚBLICA PARA PROJETOS SOCIAIS - COMDICA

EDITAL 07/2015 DE CHAMADA PÚBLICA PARA PROJETOS SOCIAIS - COMDICA EDITAL 07/2015 DE CHAMADA PÚBLICA PARA PROJETOS SOCIAIS - COMDICA O CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE COMDICA/Sapucaia do Sul, no uso das atribuições legais que lhe confere a

Leia mais

EDITAL PARA SELEÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS 2015

EDITAL PARA SELEÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS 2015 EDITAL PARA SELEÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS 2015 1. DO OBJETO 1.1. O presente edital tem por objeto realizar uma chamada pública nacional para seleção de projetos que contribuam para o empoderamento das mulheres

Leia mais

MINISTÉRIO DA CULTURA INSTITUTO BRASILEIRO DE MUSEUS

MINISTÉRIO DA CULTURA INSTITUTO BRASILEIRO DE MUSEUS MINISTÉRIO DA CULTURA INSTITUTO BRASILEIRO DE MUSEUS EDITAL SELEÇÃO DE PROJETOS Nº /2012 O Instituto Brasileiro de Museus - IBRAM autarquia federal vinculada ao Ministério da Cultura, criada pela Lei n.º

Leia mais

ANEXO - Roteiro para elaboração dos projetos

ANEXO - Roteiro para elaboração dos projetos ANEXO - Roteiro para elaboração dos projetos Os projetos a serem apresentados deverão obedecer ao roteiro proposto. Deverão ser executados no prazo máximo de 12 (doze) meses, contados a partir da data

Leia mais

EDITAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS MUNICÍPIO DE CAUCAIA-CE

EDITAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS MUNICÍPIO DE CAUCAIA-CE EDITAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS MUNICÍPIO DE CAUCAIA-CE 1. INTRODUÇÃO A ASSOCIAÇÃO BENEFICENTE LUZIA LOPES GADÊLHA, por meio do Termo Convênio nº 05/2015, como parte integrante do Projeto Fortalecendo

Leia mais

POLÍTICA DE INCENTIVO NO ÂMBITO DO PROGRAMA NACIONAL DE HIV/AIDS E OUTRAS DOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEIS

POLÍTICA DE INCENTIVO NO ÂMBITO DO PROGRAMA NACIONAL DE HIV/AIDS E OUTRAS DOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEIS POLÍTICA DE INCENTIVO NO ÂMBITO DO PROGRAMA NACIONAL DE HIV/AIDS E OUTRAS DOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEIS INSTRUMENTO PARA ELABORAÇÃO DE PROJETO DE ONG/OSC 2009 CAMPO GRANDE MS JUNLHO DE 2009 PREFEITURA

Leia mais

EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO N.º 1/2012/DESAM/FUNASA/MS.

EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO N.º 1/2012/DESAM/FUNASA/MS. EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO N.º 1/2012/DESAM/FUNASA/MS. 1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES A Fundação Nacional de Saúde FUNASA, observando as disposições da Lei nº 8.080, de 19 de setembro de 1990, Lei nº 8.142,

Leia mais

MANUAL DE PREENCHIMENTO - FORMULÁRIO PARA INSCRIÇÃO DE PROJETO

MANUAL DE PREENCHIMENTO - FORMULÁRIO PARA INSCRIÇÃO DE PROJETO O presente manual tem por finalidade orientar o Proponente de Projeto Cultural no preenchimento do formulário para Inscrição de projeto cultural ao Programa de Incentivo a Produção Artística Triunfense,

Leia mais

MUNICÍPIO DE INDAIAL SANTA CATARINA

MUNICÍPIO DE INDAIAL SANTA CATARINA MUNICÍPIO DE INDAIAL SANTA CATARINA CMDCA - CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE EDITAL Nº 001/ 2011 O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Indaial, torna

Leia mais

PORTAL DE CONVÊNIOS Acesse www.convenios.gov.br. LEGISLAÇÃO SOBRE CONVÊNIOS Acesse http://www.convênios.gov.br/portal/legislacao.

PORTAL DE CONVÊNIOS Acesse www.convenios.gov.br. LEGISLAÇÃO SOBRE CONVÊNIOS Acesse http://www.convênios.gov.br/portal/legislacao. PORTAL DE CONVÊNIOS www.convenios.gov.br LEGISLAÇÃO SOBRE CONVÊNIOS http://www.convênios.gov.br/portal/legislacao.html ORIENTAÇÕES AOS PROPONENTES www.convênios.gov.br/portal/avisos/orientacoes_utilizacao_portal_convenios

Leia mais

Formulário para Solicitação de Patrocínio Edital 001/2015

Formulário para Solicitação de Patrocínio Edital 001/2015 ANEXO II Formulário para Solicitação de Patrocínio Edital 001/2015 Procedimentos para o envio de projeto ao CAU/MS: 1. Após preencher o Formulário para Solicitação de Patrocínio ao CAU/MS, confira os itens

Leia mais

MANUAL DE ELABORAÇÃO DE PROJETO

MANUAL DE ELABORAÇÃO DE PROJETO MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE GESTÃO DO TRABALHO E DA EDUCAÇÃO NA SAÚDE DEPARTAMENTO DE GESTÃO DA EDUCAÇÃO NA SAÚDE PROJETO DE PROFISSIONALIZAÇÃO DOS TRABALHADORES DA ÁREA DE ENFERMAGEM PROFAE CHAMADA

Leia mais

PLANO DE TRABALHO PROJETO VOLUNTÁRIOS BB - EDIÇÃO 2013

PLANO DE TRABALHO PROJETO VOLUNTÁRIOS BB - EDIÇÃO 2013 PLANO DE TRABALHO PROJETO VOLUNTÁRIOS BB - EDIÇÃO 2013 1. DADOS CADASTRAIS DATA : o 1.1. Projeto Título: Período de realização: Local de desenvolvimento do trabalho/ município/uf: 1 Recursos FBB (R$):

Leia mais

ESTADO DE SERGIPE 19/03/14

ESTADO DE SERGIPE 19/03/14 ESTADO DE SERGIPE 19/03/14 OBJETIVO METODOLOGIA Celebração de Convênios no âmbito do Governo Federal Zizete Nogueira BASE LEGAL Decreto Federal nº 6.170/2007 e suas alterações Portaria Interministerial

Leia mais

AUXÍLIOS FINANCEIROS CONVÊNIOS ENTIDADES REGISTRADAS

AUXÍLIOS FINANCEIROS CONVÊNIOS ENTIDADES REGISTRADAS AUXÍLIOS FINANCEIROS CONVÊNIOS ENTIDADES REGISTRADAS Modalidade/Convênios: Repasse de ARTs e Mútua Cooperação (projetos que objetivem o aperfeiçoamento técnico e cultural). Natureza dos Projetos: Pesquisas

Leia mais

Informações Gerais sobre a Transferência de recursos

Informações Gerais sobre a Transferência de recursos Informações Gerais sobre a Transferência de recursos Introdução: O Governo Federal publicou em 2007 o Decreto nº 6.170 com o objetivo de regulamentar os convênios, contratos de repasse e termos de cooperação

Leia mais

Relatório emitido em 17/03/2015 10:41:08

Relatório emitido em 17/03/2015 10:41:08 MINISTERIO DA SAUDE PORTAL DOS CONVÊNIOS SICONV - SISTEMA DE GESTÃO DE CONVÊNIOS Nº / ANO DA PROPOSTA: 099186/2013 OBJETO: DADOS DO CONCEDENTE AQUISIÇÃO DE EQUIPAMENTO E MATERIAL PERMANENTE PARA UNIDADE

Leia mais

Brincar de ler e escrever

Brincar de ler e escrever I Edital FNA 2015 Brincar de ler e escrever A Fundação Negro Amor - FNA foi criada em 2008 e, desde então, desenvolve ações na área socioeducativa e cultural, com foco na promoção da educação infantil

Leia mais

EDITAL 03/2008 - FAPESQ/PB MCT/FINEP

EDITAL 03/2008 - FAPESQ/PB MCT/FINEP EDITAL 03/2008 - FAPESQ/PB MCT/FINEP A FUNDAÇÃO DE APOIO À PESQUISA DO ESTADO DA PARAÍBA FAPESQ e a Financiadora de Estudos e Projetos FINEP, tornam público e convocam os interessados a apresentarem propostas

Leia mais

FUNDAÇÃO OSWALDO CRUZ COORDENADORIA DE COOPERAÇÃO SOCIAL

FUNDAÇÃO OSWALDO CRUZ COORDENADORIA DE COOPERAÇÃO SOCIAL FUNDAÇÃO OSWALDO CRUZ COORDENADORIA DE COOPERAÇÃO SOCIAL EDITAL PARA SELEÇÃO DE PROJETOS DE COOPERAÇÃO SOCIAL PARA DESENVOLVIMENTO TERRITORIALIZADO - CSDT/ FIOCRUZ - 01/2009 A Fundação Oswaldo Cruz, CNPJ

Leia mais

ANEXO I SEMAD 3 INDICAÇÃO DO GESTOR 4 MASP/MATRICULA I - IDENTIFICAÇÃO DO CONVENENTE 1 - RAZÃO SOCIAL 2 - CNPJ

ANEXO I SEMAD 3 INDICAÇÃO DO GESTOR 4 MASP/MATRICULA I - IDENTIFICAÇÃO DO CONVENENTE 1 - RAZÃO SOCIAL 2 - CNPJ ANEXO I SEMAD Espaço reservado Nº do Convênio: 1 - RAZÃO SOCIAL SECRETARIA DE ESTADO DE MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL - SEMAD - CNPJ 00.957.404/0001-78 3 INDICAÇÃO DO GESTOR 4 MASP/MATRICULA

Leia mais

Orientações necessárias à celebração de Convênios no âmbito do Governo Federal

Orientações necessárias à celebração de Convênios no âmbito do Governo Federal Estado do Ceará 24/04/13 Orientações necessárias à celebração de Convênios no âmbito do Governo Federal Zizete Nogueira BASE LEGAL Decreto Federal nº 6.170/2007 e suas alterações Portaria Interministerial

Leia mais

3. ORGANIZAÇÕES ELEGÍVEIS

3. ORGANIZAÇÕES ELEGÍVEIS EDITAL FLD 04/2011 SELEÇÃO DE PROJETOS DE FORTALECIMENTO DE REDES SOCIAIS QUE ATUAM NA PROMOÇÃO DO DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL COM JUSTIÇA SOCIAL, AMBIENTAL E ECONÔMICA 1. OBJETIVO Selecionar projetos

Leia mais

Orientações para Elaboração de Projetos

Orientações para Elaboração de Projetos Orientações para Elaboração de Projetos Para que possam ser cadastrados, os projetos devem ter todas as informações solicitadas. PARTE I 1. Informações Cadastrais da Organização Proponente Nome completo

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. 1. IDENTIFICAÇÃO (máximo 01 folha) Título da Proposta: Instituição Proponente: CNPJ: Endereço: CEP: Telefone: Fax:

TERMO DE REFERÊNCIA. 1. IDENTIFICAÇÃO (máximo 01 folha) Título da Proposta: Instituição Proponente: CNPJ: Endereço: CEP: Telefone: Fax: Usar papel timbrado da instituição! TERMO DE REFERÊNCIA. IDENTIFICAÇÃO (máximo 0 folha) Título da Proposta: Instituição Proponente: CNPJ: Endereço: CEP: Telefone: Fax: Responsável pela Instituição Proponente:

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS Nº /2012. Anexo II PROGRAMA DE TRABALHO

EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS Nº /2012. Anexo II PROGRAMA DE TRABALHO EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS Nº /2012 Anexo II PROGRAMA DE TRABALHO Este anexo estabelece o programa de trabalho e resultados para a OSCIP com a fixação de direitos, obrigações, prazos de execução e critérios

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DE AGRICULTORES E IRRIGANTES DA BAHIA AIBA BANCO DO NORDESTE DO BRASIL S.A. BNB

ASSOCIAÇÃO DE AGRICULTORES E IRRIGANTES DA BAHIA AIBA BANCO DO NORDESTE DO BRASIL S.A. BNB ASSOCIAÇÃO DE AGRICULTORES E IRRIGANTES DA BAHIA AIBA BANCO DO NORDESTE DO BRASIL S.A. BNB FUNDO PARA O DESENVOLVIMENTO INTEGRADO E SUSTENTÁVEL DA BAHIA FUNDESIS EDITAL PÚBLICO PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS

Leia mais

Secretaria da Saúde/RS

Secretaria da Saúde/RS Secretaria da Saúde/RS CADASTRO DO ÓRGÃO OU ENTIDADE E DO DIRIGENTE I IDENTIFICAÇÃO DO ÓRGÃO OU ENTIDADE 01 NOME 02- EXERCÍCIO 03-C.G.C 04- EA 05- TIPO 06- ENDEREÇO COMPLETO: 07 MUNICÍPIO 08- CAIXA POSTAL

Leia mais

PLANO DE TRABALHO 1 DADOS CADASTRAIS. Convenente. Concedente. Nome Agência Gaúcha de Desenvolvimento e Promoção do Investimento

PLANO DE TRABALHO 1 DADOS CADASTRAIS. Convenente. Concedente. Nome Agência Gaúcha de Desenvolvimento e Promoção do Investimento PLANO DE TRABALHO (Anexo a Instrução Normativa CAGE Nº 01/2006) 1 DADOS CADASTRAIS Convenente Órgão/Entidade Proponente Associação Parque Tecnológico de Santa Maria CNPJ 10.639.521/0001-47 Endereço Rua

Leia mais

ANEXO IV ORIENTAÇÕES E FORMULÁRIOS PARA PRESTAÇÃO DE CONTAS

ANEXO IV ORIENTAÇÕES E FORMULÁRIOS PARA PRESTAÇÃO DE CONTAS ANEXO IV ORIENTAÇÕES E FORMULÁRIOS PARA PRESTAÇÃO DE CONTAS Em conformidade às competências do CAU/BR previstas na Lei nº 12.378/2010 e em seu Regimento Geral, são apoiados projetos que contribuem para

Leia mais

INSERIR LOGOMARCA DA INSTITUIÇÃO PROPONENTE INSERIR O TÍTULO DO PROJETO

INSERIR LOGOMARCA DA INSTITUIÇÃO PROPONENTE INSERIR O TÍTULO DO PROJETO INSERIR LOGOMARCA DA INSTITUIÇÃO PROPONENTE INSERIR O TÍTULO DO PROJETO O título do projeto deve delimitar a área de abrangência onde as ações serão executadas. Setembro, 2014 1 SUMÁRIO 1. DADOS GERAIS

Leia mais

PLANO DE TRABALHO 1 - DADOS CADASTRAIS DA UFES

PLANO DE TRABALHO 1 - DADOS CADASTRAIS DA UFES PLANO DE TRABALHO Denominação 1 - DADOS CADASTRAIS DA UFES Endereço AV. FERNANDO FERRARI, 514 CAMPUS UNIVERSITÁRIO - GOIABEIRAS Cidade UF ES CEP 29060-900 DDD/Telefone (27)3335-2222 CNPJ 32.479.123/0001-43

Leia mais

Portal dos Convênios - SICONV. Inclusão e Envio de Proposta. Manual do Usuário

Portal dos Convênios - SICONV. Inclusão e Envio de Proposta. Manual do Usuário MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE LOGÍSTICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DEPARTAMENTO DE LOGÍSTICA E SERVIÇOS GERAIS Portal dos Convênios - SICONV Inclusão e Envio de Proposta Manual

Leia mais

Ações de Adaptação de Comunidades e seus Ecossistemas aos Eventos Climáticos

Ações de Adaptação de Comunidades e seus Ecossistemas aos Eventos Climáticos PROCESSO SELETIVO 2011 Ações de Adaptação de Comunidades e seus Ecossistemas aos Eventos Climáticos REGULAMENTO Prezado Gestor, Criado em 2006, o Instituto HSBC Solidariedade é responsável por gerenciar

Leia mais

FORMULÁRIO DE CADASTRAMENTO/ENTIDADES /ORGANIZAÇÕES DE ASSISTÊNCIA SOCIAL

FORMULÁRIO DE CADASTRAMENTO/ENTIDADES /ORGANIZAÇÕES DE ASSISTÊNCIA SOCIAL FORMULÁRIO DE CADASTRAMENTO/ENTIDADES /ORGANIZAÇÕES DE ASSISTÊNCIA SOCIAL DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Denominação: Endereço: Número: Bairro: Distrito Município: CEP: Telefone: Fax: Caixa Postal Correio Eletrônico

Leia mais

C O N V Ê N I O Nº 055/2014

C O N V Ê N I O Nº 055/2014 C O N V Ê N I O Nº 055/2014 Que entre si celebram de um lado o MUNICÍPIO DE ITABIRITO, pessoa jurídica de direito público interno, inscrição no CNPJ sob o nº 18.307.835/0001-54, com endereço a Avenida

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 004/2012 EDITAL DE CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE TERCEIROS PESSOA FÍSICA TIPO: MELHOR TÉCNICA

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 004/2012 EDITAL DE CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE TERCEIROS PESSOA FÍSICA TIPO: MELHOR TÉCNICA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 004/2012 EDITAL DE CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE TERCEIROS PESSOA FÍSICA TIPO: MELHOR TÉCNICA O Centro de Estudos de Cultura Contemporânea CEDEC, entidade privada sem fins lucrativos,

Leia mais

1. APRESENTAÇÃO 2. DA ATUAÇÃO

1. APRESENTAÇÃO 2. DA ATUAÇÃO 1. APRESENTAÇÃO Cooperativa é uma sociedade de pessoas, com forma e caráter jurídico próprio, de natureza civil, constituídas para prestar serviços aos cooperados. Sua missão é promover a qualidade de

Leia mais

ESTADO DO PIAUÍ Prefeitura Municipal de Teresina Secretaria Municipal da Juventude SEMJUV GABINETE DO SECRETÁRIO

ESTADO DO PIAUÍ Prefeitura Municipal de Teresina Secretaria Municipal da Juventude SEMJUV GABINETE DO SECRETÁRIO SEMJUV EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS DE JUVENTUDE TERESINA 2013 SEMJUV, pessoa jurídica de direito público, no uso de suas atribuições legais, torna público o presente EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS da

Leia mais

3. Cronograma. Encaminhamento da solicitação de apoio, formatada conforme Roteiro de elaboração de projetos estabelecido no Anexo I.

3. Cronograma. Encaminhamento da solicitação de apoio, formatada conforme Roteiro de elaboração de projetos estabelecido no Anexo I. PROPOSTA DE EDITAL O Instituto de Compromisso com o Desenvolvimento Humano, fundado aos 09 (nove) dias do mês de Maio de 2007, tendo como objetivo promover o desenvolvimento humano em diversos âmbitos,

Leia mais

FORMULÁRIO PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETO BAHIATURSA 4 SETORES (PARA PREENCHIMENTO DA BAHIATURSA) ( ) DPR ( ) DST ( ) DEPLAM ( ) DRN ( ) CERIM ( ) DRI

FORMULÁRIO PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETO BAHIATURSA 4 SETORES (PARA PREENCHIMENTO DA BAHIATURSA) ( ) DPR ( ) DST ( ) DEPLAM ( ) DRN ( ) CERIM ( ) DRI FORMULÁRIO PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETO BAHIATURSA 1 Nome do Projeto 2 Local 3 Data 4 SETORES (PARA PREENCHIMENTO DA BAHIATURSA) ( ) DPR ( ) DST ( ) DEPLAM ( ) DRN ( ) CERIM ( ) DRI DADOS DO PROPONENTE

Leia mais

C O N V Ê N I O Nº 025/2014

C O N V Ê N I O Nº 025/2014 C O N V Ê N I O Nº 025/2014 Que entre si celebram de um lado o MUNICÍPIO DE ITABIRITO, pessoa jurídica de direito público interno, inscrição no CNPJ sob o nº 18.307.835/0001-54, com endereço a Avenida

Leia mais

PRESTAÇÃO DE CONTAS RELATÓRIO FÍSICO-FINANCEIRO

PRESTAÇÃO DE CONTAS RELATÓRIO FÍSICO-FINANCEIRO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE CACHOEIRINHA GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL UNIDADE CENTRAL DE CONTROLE INTERNO PRESTAÇÃO DE CONTAS RELATÓRIO FÍSICO-FINANCEIRO ANEXO II FORMULÁRIO A

Leia mais

EDITAL PARA A SELEÇÃO DE AÇÕES VOLUNTÁRIAS DO PROGRAMA VOLUNTÁRIOS VALE

EDITAL PARA A SELEÇÃO DE AÇÕES VOLUNTÁRIAS DO PROGRAMA VOLUNTÁRIOS VALE EDITAL PARA A SELEÇÃO DE AÇÕES VOLUNTÁRIAS DO PROGRAMA VOLUNTÁRIOS VALE A VALE S.A., no cumprimento de sua missão de transformar recursos naturais em prosperidade e desenvolvimento sustentável, tem implementado

Leia mais

MINISTÉRIO DO ESPORTE SECRETARIA NACIONAL DE ESPORTE, EDUCAÇÃO, LAZER E INCLUSÃO SOCIAL

MINISTÉRIO DO ESPORTE SECRETARIA NACIONAL DE ESPORTE, EDUCAÇÃO, LAZER E INCLUSÃO SOCIAL MINISTÉRIO DO ESPORTE SECRETARIA NACIONAL DE ESPORTE, EDUCAÇÃO, LAZER E INCLUSÃO SOCIAL SEPN 511, Bloco A, 2 Andar, Edifício Bittar II - Brasília/DF CEP: 70.758-900 Fone: (61) 3217.9516 Endereço eletrônico:

Leia mais

ORIENTAÇÕES TÉCNICAS PLANO DE TRABALHO

ORIENTAÇÕES TÉCNICAS PLANO DE TRABALHO ORIENTAÇÕES TÉCNICAS PLANO DE TRABALHO DADOS CADASTRAIS PLANO DE TRABALHO - ENTIDADE ÓRGÃO / ENTIDADE PROPONENTE: CNPJ: ENDEREÇO: ENDEREÇO ELETRÔNICO (E-MAIL): CIDADE: UF: CEP: (DDD) FONE: CONTA CORRENTE:

Leia mais

ESTADO DO PIAUÍ Prefeitura Municipal de Teresina Secretaria Municipal da Juventude SEMJUV GABINETE DO SECRETÁRIO

ESTADO DO PIAUÍ Prefeitura Municipal de Teresina Secretaria Municipal da Juventude SEMJUV GABINETE DO SECRETÁRIO SEMJUV EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS DE JUVENTUDE TERESINA 2013 SEMJUV, pessoa jurídica de direito público, no uso de suas atribuições legais, torna público o presente EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS da

Leia mais

CURSO: SICONV 1) NOÇÕES GERAIS, CREDENCIAMENTO, CADASTRAMENTO E PROGRAMAS DE CONVÊNIO

CURSO: SICONV 1) NOÇÕES GERAIS, CREDENCIAMENTO, CADASTRAMENTO E PROGRAMAS DE CONVÊNIO CURSO: SICONV TEMAS CENTRAIS 1) NOÇÕES GERAIS, CREDENCIAMENTO, CADASTRAMENTO E PROGRAMAS DE CONVÊNIO 2) PROPOSIÇÃO, AVALIAÇÃO DE PROPOSTAS - CEDENTE, CELEBRAÇÃO DE UM CONVÊNIO E ALTERAÇÕES 3) EXECUÇÃO,

Leia mais

Programa Brasil-Canadá para a Promoção da Eqüidade

Programa Brasil-Canadá para a Promoção da Eqüidade Programa Brasil-Canadá para a Promoção da Eqüidade PIPE Multiplicação e Disseminação Folheto 4 Agência Canadense para o Desenvolvimento Internacional (ACDI/CIDA) Promenade du Portage, 200 K1A 0G4 Gatineau,

Leia mais

EDITAL N 001/ MDR/2014. Apoio a atividades acadêmico-científicas do PPG - Mestrado em Desenvolvimento Regional - MDR/UFAC

EDITAL N 001/ MDR/2014. Apoio a atividades acadêmico-científicas do PPG - Mestrado em Desenvolvimento Regional - MDR/UFAC PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DESENVOLVIMENTO REGIONAL () EDITAL N 001/ MDR/2014 Apoio a atividades acadêmico-científicas do PPG - Mestrado em Desenvolvimento Regional - MDR/UFAC A Coordenação do Programa

Leia mais

MUNICÍPIO DE MONTES CLAROS MG. SECRETARIA MUNICIPAL DE POLÍTICAS SOCIAIS

MUNICÍPIO DE MONTES CLAROS MG. SECRETARIA MUNICIPAL DE POLÍTICAS SOCIAIS PORTARIA N 035, 10 DE JUNHO DE 2008 DISPÕE SOBRE O EDITAL PARA INSCRIÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS DA REDE EXECUTORA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL DO MUNICÍPIO DE MONTES CLAROS 2.008 O Secretário Municipal de Políticas

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 008/2013

RESOLUÇÃO Nº 008/2013 RESOLUÇÃO Nº 008/2013 Súmula: Define critérios para apresentação de projetos para o valor R$966.734,86 (Novecentos e sessenta e seis mil, setecentos e trinta e quatro reais e oitenta e seis centavos) do

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA UEPB PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO PROEX PROGRAMA DE APOIO A PROJETOS DE EXTENSÃO PROAPEX.

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA UEPB PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO PROEX PROGRAMA DE APOIO A PROJETOS DE EXTENSÃO PROAPEX. UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA UEPB PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO PROEX PROGRAMA DE APOIO A PROJETOS DE EXTENSÃO PROAPEX. EDITAL Nº 005/2015/UEPB/PROEX/PROAPEX PROCESSO SELETIVO DO PROAPEX COTA 2015-2016

Leia mais

(em papel timbrado da Prefeitura)

(em papel timbrado da Prefeitura) PLANO DE TRABALHO (em conformidade com o que dispõe o art. 116, 1, da Lei Federal n. 8.666/93) DECLARAÇÃO Na qualidade de representante legal do(a) proponente, DECLARO, perante o Estado de Alagoas, para

Leia mais

Com André Luiz Freitas Leite

Com André Luiz Freitas Leite LEGISLAÇÃO E EXECUÇÃO DE Com André Luiz Freitas Leite 05 e 06 de Novembro de 2014 - Rio de Janeiro - RJ Apresentação: O curso enfoca as diversas etapas do SICONV Sistema de Gestão de Convênios e Contratos

Leia mais

FORMULARIO DA PROPOSTA PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO REGIONAL DCR/PIAUÍ

FORMULARIO DA PROPOSTA PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO REGIONAL DCR/PIAUÍ FORMULARIO DA PROPOSTA PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO REGIONAL DCR/PIAUÍ EDITAL N o 006/2014 FAPEPI/CNPq DADOS DO PROPONENTE/COORDENADOR (não omita ou abrevie nomes) NOME: ENDEREÇO RESIDENCIAL:

Leia mais

Entendendo a Legislação de Convênios

Entendendo a Legislação de Convênios PROFESSORA GIANNA LEPRE PERIM Professora Gianna Lepre Perim APRESENTAÇÃO GERAL: -DO CURSO -DA PROFESSORA -DA METODOLOGIA PROGRAMAÇÃO 1º dia Legislação Aplicável Noções Gerais sobre Convênios Condições

Leia mais

ANEXO IV TERMO DE REFERÊNCIA E ELABORAÇÃO DO PROJETO ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DA CIÊNCIA, DA TECNOLOGIA E DA INOVAÇÃO

ANEXO IV TERMO DE REFERÊNCIA E ELABORAÇÃO DO PROJETO ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DA CIÊNCIA, DA TECNOLOGIA E DA INOVAÇÃO ANEXO IV TERMO DE REFERÊNCIA E ELABORAÇÃO DO PROJETO ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DA CIÊNCIA, DA TECNOLOGIA E DA INOVAÇÃO TERMO DE REFERÊNCIA EDITAL 01/2013 PROPOSTA / ELABORAÇÃO DE PROJETOS

Leia mais

PREFEITURA DE SÃO LUIS SEMGOP ANEXO III ROTEIRO PARA CONSTRUÇÃO DO PROJETO TÉCNICO. 1. NOME DA ENTIDADE PROPONENTE: (Nome completo, sem abreviaturas)

PREFEITURA DE SÃO LUIS SEMGOP ANEXO III ROTEIRO PARA CONSTRUÇÃO DO PROJETO TÉCNICO. 1. NOME DA ENTIDADE PROPONENTE: (Nome completo, sem abreviaturas) ANEXO III ROTEIRO PARA CONSTRUÇÃO DO PROJETO TÉCNICO 1. NOME DA ENTIDADE PROPONENTE: (Nome completo, sem abreviaturas) 2. CNPJ: 3. ENDERECO (RUA, NÚMERO, BAIRRO, CEP, CIDADE, UF) 4. NOME DO RESPONSÁVEL/

Leia mais

Edital Instituto Sabin - 01/2015

Edital Instituto Sabin - 01/2015 Edital Instituto Sabin - 01/2015 Seleção pública de iniciativas empreendedoras socioambientais inovadoras para parceria com o Instituto Sabin O Instituto Sabin, torna público o presente Edital e convoca

Leia mais

EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Nº 02/2011 FBN X ENTIDADES PÚBLICAS E PRIVADAS SEM FINS LUCRATIVOS

EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Nº 02/2011 FBN X ENTIDADES PÚBLICAS E PRIVADAS SEM FINS LUCRATIVOS EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Nº 02/2011 FBN X ENTIDADES PÚBLICAS E PRIVADAS SEM FINS LUCRATIVOS SELEÇÃO PÚBLICA DE PROPOSTAS PARA PROJETOS REFERENTES AO PROGRAMA LIVRO ABERTO NA AÇÃO FOMENTO A PROJETOS CULTURAIS

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL SEÇÃO JUDICIÁRIA DO RIO DE JANEIRO

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL SEÇÃO JUDICIÁRIA DO RIO DE JANEIRO EDITAL Nº JFRJ-EDT-2015/00168 EDITAL DE SELEÇÃO DE ENTIDADES, PÚBLICAS OU PRIVADAS, INTERESSADAS EM ACOLHER, GRATUITAMENTE, BENEFICIÁRIOS DE SANÇÃO ALTERNATIVA DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS, E DE SELEÇÃO DE

Leia mais

São convenentes neste instrumento:

São convenentes neste instrumento: CONVÊNIO PARA A IMPLANTAÇÃO DO PROGRAMA SANTANDER UNIVERSIDADES DE MOBILIDADE NACIONAL FIRMADO ENTRE A UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA E O BANCO SANTANDER S/A São convenentes neste instrumento: A UNIVERSIDADE

Leia mais

LEGISLAÇÃO E EXECUÇÃO DE

LEGISLAÇÃO E EXECUÇÃO DE LEGISLAÇÃO E EXECUÇÃO DE CONVÊNIOS SICONV E OBTV Carga Horária de 16 Horas 27 e 28 de Outubro Cuiabá - MT Apresentação: O curso enfoca as diversas etapas do SICONV Sistema de Gestão de Convênios e Contratos

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA DE PATROCÍNIO Nº 01/2014 ANEXO I. Formulário para Solicitação de Patrocínio

CHAMADA PÚBLICA DE PATROCÍNIO Nº 01/2014 ANEXO I. Formulário para Solicitação de Patrocínio CHAMADA PÚBLICA DE PATROCÍNIO Nº 01/2014 ANEXO I Formulário para Solicitação de Patrocínio Procedimentos para o envio de projeto ao CAU/GO: 1. Após preencher o Formulário para Solicitação de Patrocínio

Leia mais

EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Nº 02/2012 SNBP-FBN X ENTIDADES PÚBLICAS E PRIVADAS SEM FINS LUCRATIVOS

EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Nº 02/2012 SNBP-FBN X ENTIDADES PÚBLICAS E PRIVADAS SEM FINS LUCRATIVOS EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Nº 02/2012 SNBP-FBN X ENTIDADES PÚBLICAS E PRIVADAS SEM FINS LUCRATIVOS SELEÇÃO PÚBLICA DE PROPOSTA PARA PROJETO DE APOIO A INSTALAÇÃO DE BIBLIOTECAS PÚBLICAS NO BRASIL REFERENTE

Leia mais

CELEBRAÇÃO DE CONVÊNIOS, TERMOS DE COOPERAÇÃO E ACORDOS DE COOPERAÇÃO TÉCNICA NACIONAIS NO ÂMBITO DA FIOCRUZ BAHIA. Órgão Gestor

CELEBRAÇÃO DE CONVÊNIOS, TERMOS DE COOPERAÇÃO E ACORDOS DE COOPERAÇÃO TÉCNICA NACIONAIS NO ÂMBITO DA FIOCRUZ BAHIA. Órgão Gestor 18/11/2009 Órgão Elaborador 13:35 Núcleo de Planejamento Órgão Gestor Núcleo de Planejamento Órgão Aprovador Diretoria REVISÃO 00 DATA: SUMÁRIO 1. Objetivo 2. Campo de Aplicação 3. Siglas Utilizadas 4.

Leia mais

C O N V Ê N I O Nº 015/2015

C O N V Ê N I O Nº 015/2015 C O N V Ê N I O Nº 015/2015 Que entre si celebram de um lado o MUNICÍPIO DE ITABIRITO, pessoa jurídica de direito público interno, inscrição no CNPJ sob o nº 18.307.835/0001-54, com endereço a Avenida

Leia mais

Portal dos Convênios - SICONV. Inclusão e Envio de Proposta. Manual do Usuário

Portal dos Convênios - SICONV. Inclusão e Envio de Proposta. Manual do Usuário MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE LOGÍSTICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DEPARTAMENTO DE LOGÍSTICA E SERVIÇOS GERAIS Portal dos Convênios - SICONV Inclusão e Envio de Proposta Manual

Leia mais

ANEXO I CADASTRO DO(A) ÓRGÃO/ENTIDADE E DO(A) DIRIGENTE

ANEXO I CADASTRO DO(A) ÓRGÃO/ENTIDADE E DO(A) DIRIGENTE ANEXO I CADASTRO DO(A) ÓRGÃO/ENTIDADE E DO(A) DIRIGENTE BLOCO 1- IDENTIFICAÇÃO DO(A) ÓRGÃO/ENTIDADE CAMPO 01 - CNPJ Informar o número de inscrição do(a) órgão/ entidade proponente (Secretaria de Educação

Leia mais

EDITAL FLD 02/2015 - JUSTIÇA SOCIOAMBIENTAL SELEÇÃO DE PROJETOS PARA CONSERVAÇÃO DO BIOMA PAMPA E QUALIDADE DE VIDA DA POPULAÇÃO

EDITAL FLD 02/2015 - JUSTIÇA SOCIOAMBIENTAL SELEÇÃO DE PROJETOS PARA CONSERVAÇÃO DO BIOMA PAMPA E QUALIDADE DE VIDA DA POPULAÇÃO EDITAL FLD 02/2015 - JUSTIÇA SOCIOAMBIENTAL SELEÇÃO DE PROJETOS PARA CONSERVAÇÃO DO BIOMA PAMPA E QUALIDADE DE VIDA DA POPULAÇÃO O projeto deve ser elaborado no formulário em WORD, disponível para download

Leia mais

Edital 02/2015 Saldo Remanescente

Edital 02/2015 Saldo Remanescente Edital 02/2015 Saldo Remanescente EDITAL Nº 02/2015 CMDCA EDITAL DE SELEÇÃO PÚBLICA DE PROJETOS PARA FINANCIAMENTO NO ANO DE 2015 O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente CMDCA, no

Leia mais