CAPCAIXA MANUAL OPERACIONAL. Vs. 1.0

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CAPCAIXA MANUAL OPERACIONAL. Vs. 1.0"

Transcrição

1 CAPCAIXA MANUAL OPERACIONAL Vs. 1.0 ( Novembro/2000 )

2 ÍNDICE Apresentação 3 1. Caracteristica Equipamento 3 2. TIpos de Documentos Gerados pelo Aplicativo 3 Condições para uso do aplicativo Capcaixa (anexo) 5 Rotina Diária do Aplicativo 6 Cadastro de Parâmetros do Aplicativo 7 1. Contribuição Sindical 8 2. Tributos/Taxas/Impostos e Serviços Públicos 9 3. Carnês e Assemelhados/Convênios Exclusivo Caixa. 10 Cadastro e Manutenção de Contribuintes 11 Cadastro e Manutenção de Grupos 13 Cadastro e Manutenção de Guias de Contribuição Sindical 14 Cadastro e Manutenção de Documentos de Arrecadação de Tributos, Impostos, Taxas e Serviços Públicos 17 Cadastro e Manutenção de Documentos de Carnês e Assemelhados /Convênio Exclusivo Caixa 19 Impressão de Guias e Documentos de Arrecadação 22 Impressão de Relatórios 23 Tratamento do Retorno 25 Importação de Arquivos 27 Utilitários 28 Informações sobre o Aplicativo 33 2

3 APRESENTAÇÃO A CAIXA ECONÔMICA FEDERAL disponibiliza a seus clientes o aplicativo CAPCAIXA, criando para o cliente usuário, Banco de Dados que pode ser utilizado para um eficaz gerenciamento e controle da arrecadação emitida, paga e pendente, através do retorno em meio magnético gerado pela CAIXA para as empresas convenentes, possibilitando a emissão de relatórios e consultas on line da situação de cada contribuinte. OBJETIVO Viabilizar aos Órgãos Municipais, Estaduais e Federais, Entidades Sindicais e Micros, Pequenas e Médias Empresas, que não possuam aplicativo próprio, a automação do processo de arrecadação através da emissão de documentos com código de barras no padrão FEBRABAN e controle da arrecadação, via sistema. A CONFIGURAÇÃO MÍNIMA EXIGIDA PARA INSTALAÇÃO DO SISTEMA É A SEGUINTE: - Processador: Pentium ou Similar, 133 mhz - Sistema Operacional: Windows 95/98/Me, Windows NT4 ou Win Memória: 32 Mbytes. - Espaço em disco: 10 Mbytes (Instalação) - Placa Fax/Modem recomendável para recepção de arquivos da CAIXA. - Impressora Laser (para impressão de guias com código de barras). TIPOS DE DOCUMENTOS GERADOS PELO APLICATIVO Tipo 1 - Guias de Arrecadação da Contribuição Sindical Urbana PÚBLICO ALVO: Confederações, Federações e Sindicatos cuja concessão, para arrecadar esta modalidade de contribuição, já foi autorizada pelo Ministério do Trabalho. OBS: Quanto a Contribuição Sindical Urbana esclarecemos: A Contribuição anual, obrigatória para as Empresas (empregadores), Empregados, Profissionais Liberais e Autônomos, é regida pela CLT, sendo de competência do MINISTÉRIO 3

4 DO TRABALHO registrar as ENTIDADES SINDICAIS e autorizar a CAIXA a conceder o CÓDIGO SINDICAL. Tipo 2 - Documentos de Arrecadação de Tributos, Impostos, Taxas e Concessionárias de Serviços Públicos. PÚBLICO ALVO: Prefeituras Municipais, Concessionárias de Serviços Públicos, Órgãos Governamentais Estaduais e Federais para emissão de documentos de arrecadação de Tributos, Impostos, Taxas e Tarifas de Serviços Públicos, sendo que o código para arrecadação é fornecido pela FEBRABAN. Tipo 3 - Documentos de Arrecadação de Carnês e Assemelhados PÚBLICO ALVO: Empresas privadas de micro, pequeno e médio porte, que usarão como código identificador da arrecadação o próprio CGC. Tipo 4 - Documentos de arrecadação de Convênios Exclusivo com a CAIXA. PÚBLICO ALVO: Empresas privadas de micro, pequeno e médio porte, que firmarão convênio de arrecadação exclusivamente com a CAIXA, que fornecerá código de identificação a estas empresas chamadas convenentes. 4

5 CONDIÇÕES PARA USO DO APLICATIVO CAPCAIXA 1. Assinar convênio específico com a CAIXA; 2. Manter conta corrente em uma agência da CAIXA. 5

6 ROTINA DIÁRIA DO APLICATIVO Cadastrar contribuinte Gerar guias necessárias Emitir Guias Tratar o retorno para efetuar a liquidação das guias pagas Emitir relatórios necessários 6

7 CADASTRO DE PARÂMETROS DO APLICATIVO O módulo de parâmetros é obrigatório para todas as empresas que forem utilizar o aplicativo CapCaixa, Veja a seguir os passos para cadastramento de Parâmetro do aplicativo. No menu principal clicar em Cadastro de Parâmetros. 7

8 Para Guia de Contribuição Sindical selecionar Dados da Entidade Sindical. Campo/Preenchimento Nome: Preencher com o nome da entidade Sindical Endereço: Preencher com o endereço da entidade(ex.: Rua das Flores) Número: Preencher com o número da entidade Bairro: Preencher com o bairro da entidade Município: Preencher com o município da entidade Estado: Preencher com o estado da entidade CEP: Preencher com o código do CEP da entidade Código Sindical: Preencher com o código sindical da entidade Tipo da Entidade: Selecionar o Tipo da entidade Categoria: Selecionar o Tipo da categoria Cadastramento Van : Informar local de gravação do aplicativo da Van que fará a conexão com a Caixa Econômica Federal. Preenchimento Obrigatório Opcional Opcional Opcional Obrigatório Obrigatório Opcional Obrigatório Obrigatório Obrigatório Obrigatório Clicar no botão Gravar para confirmar o cadastramento. 8

9 Cadastramento de Parâmetros de Tributos/Taxas/Impostos e Serviços Públicos Campo/Preenchimento Nome: Preencher com o nome da Convenente Código Febraban: Preencher o Código fornecido pela FEBRABAN Tipo de Serviço: Selecionar o tipo de Serviço Cadastramento VAN: Informar local de Gravação do aplicativo da VAN que fará a conexão com a caixa Preenchimento Obrigatório Obrigatório Obrigatório Obrigatório Clicar no botão GRAVAR para confirmar os dados digitados. 9

10 Cadastramento de Parâmetros de Carnês e Assemelhados/Convênios Exclusivo Caixa. Campo/Preenchimento Nome: Preencher com o nome da convenente Tipo de Contribuição: Preencher com o tipo de serviço a ser prestado Código Caixa/CGC Convenente: Informar o campo pertinente dependendo do tipo de contribuição Cadastramento VAN: Informar local de Gravação do Aplicativo da VAN que irá fazer a conexão a Caixa Econômica Federal Preenchimento Obrigatório Obrigatório Obrigatório Obrigatório Clicar em GRAVAR para confirmar os dados. 10

11 CADASTRO E MANUTENÇÃO DE CONTRIBUINTES Tela de Cadastro de Contribuintes Campo Tipo Preenchimento Código: Preencher com o código do contribuinte Numérico Obrigatório Nome: Preencher com o nome do contribuinte Alfa Obrigatório Endereço: Preencher com o Endereço do contribuinte Alfa Opcional Número: Preencher com o número do contribuinte Alfa Opcional Complemento: Preencher com o complemento Alfa Opcional Cidade: Preencher com a cidade do contribuinte Alfa Obrigatório Bairro: Preencher com o bairro do contribuinte Alfa Opcional CEP: Preencher com o CEP do contribuinte Numérico Opcional Estado: Preencher com a sigla do estado do contribuinte Alfa Obrigatório Incluindo um Contribuinte: Para se incluir um contribuinte digitar os dados acima descritos e clicar no botão GRAVAR. 11

12 Consultando um Contribuinte: Para consultar contribuintes é necessário que se clique no botão Pesquisar, selecionar o contribuinte com um clique sobre o seu registro Excluindo um Contribuinte: Para excluir um Contribuinte, após selecioná-lo pela tela de Pesquisa clicar no botão Excluir. 12

13 CADASTRO E MANUTENÇÃO DE GRUPOS Possibilita a montagem de grupos de contribuintes, com o nome sendo dado de acordo com As necessidades do usuário desde que não ultrapasse 50 dígitos. Incluindo um Grupo: Para se criar um grupo pressionar Adicionar e digitar o nome do grupo com até 50 caracteres. Após esta digitação pressiona-se Gravar. Incrementando Contribuintes no Grupo: Para incrementar Contribuintes no Grupo criado, pressiona-se Adicionar, e o Cadastro de Contribuintes é apresentado, possibilitando o selecionamento dos contribuintes que formarão o grupo que está criado. Após selecionados os contribuintes pressiona-se Adicionar. Excluindo um Grupo: Para se remover um grupo criado criado, seleciona-se no combo Nome o grupo que se quer remover e pressiona-se Remover. 13

14 CADASTRO E MANUTENÇÃO DE GUIAS DE CONTRIBUIÇÃO SINDICAL Esta guia pode ser gerada, tendo seus dados cadastrais conseguidos de 3 formas pelo usuário, de acordo com suas necessidades, tais como: Por Grupo Selecionando a opção grupo e o grupo escolhido. Obs.: O grupo tem que estar gerado. Portanto, após o cadastramento de contribuintes, faça também o de grupo, com os grupos que pretenda usar. No caso deste cadastramento ainda não ter sido feito, é possível gerá-lo, havendo necessidade; Acessando Cadastro de Contribuintes - Selecionada a opção Por Contribuinte, os dados cadastrais do contribuinte serão solicitados e poderão ser preenchidos automaticamente, pressionando-se o botão Acessar e selecionando o contribuinte previamente cadastrado; Por Contribuinte - Selecionada a opção Por Contribuinte, os dados do contribuinte serão solicitados e deverão ser preenchidos campo a campo, quando este contribuinte não estiver no cadastro de contribuintes. 14

15 Cadastrando uma guia de recolhimento: Clicar no botão Contribuintes para fazer a seleção do contribuinte: Após a seleção do contribuinte preencher os campos da tela descritos abaixo: Campo/Preenchimento Tipo Preenchimento Identificação do Contribuinte: Identificador do contribuinte Numérico Obrigatório (CPF/CGC) Tipo do Estabelecimento: Selecionar o tipo do estabelecimento Seleção Obrigatório Início da Atividade: Data de Início da atividade Numérico Cód. Atividade: Código da Atividade Numérico Atividade Contribuinte: Atividade exercida pelo contribuinte Alfa Exercício: Ano de atividade da guia de recolhimento Numérico Obrigatório Vencimento: Data de vencimento da Guia Numérico Obrigatório Moeda: Selecionar tipo de Moeda Seleção Obrigatório Valor da Contribuição: Valor da Contribuição do contribuinte Numérico Obrigatório Multa: Valor dos juros de mora numérico Obrigatório Correção: valor da correção monetária numérico Obrigatório Obs.: Demais campos são de dados do contribuinte a serem preenchidos opcionalmente. Obrigatório Consultando uma Guia de Contribuição Sindical: Clicar no botão Consultar Fazer a opção de consulta Todos Registros ou Por Identificador Clicar no registro desejado. Excluindo uma Guia de Contribuição Sindical: Clicar no botão Consultar Fazer a opção de consulta Todos Registros ou Por Identificador Clicar no registro desejado no botão Excluir. 15

16 CADASTRO E MANUTENÇÃO DE DOCUMENTOS DE ARRECADÇÃO DE TRIBUTOS, IMPOSTOS, TAXAS E SERVIÇOS PÚBLICOS Esta guia pode ser gerada, tendo seus dados cadastrais conseguidos de 3 formas pelo de acordo com suas necessidades, tais como: usuário, Por Grupo Selecionando a opção e grupo escolhido. Esta guia contempla a possibilidade de geração de carnês. Portanto, nesta geração, poderão ser geradas guias para todo o grupo com carnês, com prazo fixo ou intervalos de dias. Obs.: O grupo tem que estar gerado. Portanto, após o cadastramento de contribuintes, faça também o de grupos com os grupos que pretenda usar. No caso deste cadastramento não haver sido ainda efetuado, ainda será possível efetuá-lo; Acessando Cadastro de Contribuintes - Selecionada a opção Por Contribuinte, os dados cadastrais do contribuinte serão solicitados e poderão ser preenchidos automaticamente, pressionando- -se o botão Contribuintes e selecionado o contribuinte previamente cadastrado. Por Contribuinte - Selecionada a opção Por Contribuinte, os dados cadastrais do contribuinte serão solicitados e deverão ser preenchidos, campo a campo, quando este contribuinte não estiver no cadastro de contribuintes. 16

17 Cadastrando um documento de arrecadação do Tipo 2: Clicar no botão Consultar logo após no botão contribuintes para realizar a seleção do contribuinte. Após selecionar o contribuinte cadastrar os dados do documento: Campo/Preenchimento Tipo Preenchimento Vencimento: Data de vencimento do documento Numérico Obrigatório Cod Rec./Trib.: Código da receita/tributo Numérico Obrigatório Espec. Rec./Trib.: Descrição da Receita ou Tributo numérico Obrigatório Exercício: Ano de exercício numérico Obrigatório Validade: Data de validade do documento Numérico Opcional Parcela: Numero da parcela do documento Alfa Opcional Livre1: preencher com o título do campo no documento Alfa Opcional Livre2:preencher com o conteúdo do campo livre1 no documento Numérico Opcional Moeda: Seleção Fixa ou Variável Seleção Obrigatório Nome Moeda: Preencher somente se variável Numérico Opcional Qtde Moeda: Qtde de moeda variável Numérico Opcional Valor: Valor em reais do documento Numérico Opcional Juros: Valor dos juros do documento Numérico Opcional Multa: Valor da multa do documento Numérico Opcional Desconto: Valor do desconto do documento Numérico Opcional Parcelas: Selecionar se for utilizar a opção de carnê Seleção Obrigatório Quantidade: Informar o número de parcelas Numérico Obrigatório Dia Fixo: Informar se vencimento é em dia fixo Seleção Obrigatório Dias: Informar o número de dias para vencimento Numérico Obrigatório 17

18 Consultando um Documento: Clicar no botão Consultar logo após Guias para realizar a seleção do contribuinte Excluindo um Documento: Após selecionar uma guia clicar no botão Excluir 18

19 CADASTRO E MANUTENÇÃO DE DOCUMENTOS DE CARNÊS E ASSEMELHADOS/CONVÊNIO EXCLUSIVO CAIXA Esta guia pode ser gerada, tendo seus dados cadastrais conseguidos de 3 maneiras pelo usuário, de acordo com suas necessidades, tais como: Por Grupo Selecionando a opção e grupo escolhido. Esta guia contempla a possibilidade da geração de carnês. Portanto, nesta geração, poderão ser geradas guias para todo o grupo com carnês, com prazo fixo ou intervalo de dias. Obs.: O grupo tem que estar gerado. Portanto, após o cadastramento de contribuintes, faça também o de grupos com os grupos que pretenda usar. No caso deste cadastramento não ter sido feito, ainda é possível efetuá-lo. Acessando Cadastro de Contribuintes: - Selecionada a opção Por Contribuinte, os dados cadastrais do contribuinte serão solicitados e poderão ser preenchidos automaticamente, pressionando- -se o botão Contribuintes e selecionando o contribuinte previamente cadastrado. Por Contribuinte: - Selecionada a opção Por Contribuinte, os dados cadastrais do contribuinte serão solicitados e deverão ser preenchidos, campo a campo, quando este contribuinte não estiver no cadastro de contribuintes. 19

20 Cadastrando um Documento de Arrecadação do Tipo 3 ou 4 Clicar no botão Consultar logo após Contribuintes para realizar a seleção do contribuinte: 20

21 Selecionar o contribuinte e digitar os dados a seguir: Campo/Preenchimento Tipo Preenchimento Vencimento: Data de vencimento do documento Numérico Obrigatório Exercício: Ano de exercicio Numérico Obrigatório Validade: Data de validade do documento Numérico Opcional Parcela: Numero da parcela do documento Alfa Opcional Livre1: preencher com o título do campo no documento Alfa Opcional Livre2:preencher com o conteúdo do campo livre1 no documento Numérico Opcional Moeda: Seleção Fixa ou Variável Seleção Obrigatório Valor: Valor em reais do documento Numérico Opcional Juros: Valor dos juros do documento Numérico Opcional Multa: Valor da multa do documento Numérico Opcional Desconto: Valor do desconto do documento Numérico Opcional Parcelas: Selecionar se for utilizar a opção de carnê Seleção Obrigatório Quantidade: Informar o número de parcelas Numérico Obrigatório Dia Fixo: Informar se vencimento é em dia fixo Seleção Obrigatório Dias: Informar o número de dias para vencimento Numérico Obrigatório Consultando um Documento: Clicar no botão Consultar logo após Guias para realizar a seleção do contribuinte Excluindo um Documento: Após selecionar uma guia clicar no botão Excluir 21

22 IMPRESSÃO DE GUIAS E DOCUMENTOS DE ARRECADAÇÃO Nesta opção é possível imprimir todo o tipo de guia gerada. Se houver geração de vários tipos de guias, pode-se solicitar a impressão de tudo, ou de um tipo somente. Ao entrar nesta opção solicita-se o tipo de guia e, em seguida, o botão Visualizar. Todas as guias do tipo solicitado aparecerão listadas. Neste ponto pode-se selecionar uma determinada guia para imprimir, ou simplesmente solicitar o botão Imprimir para que sejam impressas todas as guias listadas. Obs.: Uma vez impressa, a guia não será mais visualizada. Para tanto, se necessário, o usuário deve usar a opção Reimpressão colocando as datas de emissão Inicial e Final das mesmas. Através do menu Relatórios a Opção de Guias: Selecionar o tipo de Guia a ser emitida com um clique na opção e clicar em imprimir para a impressão geral ou visualizar para selecionar as guias a serem impressas. 22

23 IMPRESSÃO DE RELATÓRIOS Nesta opção é possível a impressão de vários tipos de relatórios sobre a posição da Arrecadação, tais como: - Documentos de Arrecadação Emitidos Tributos / Concessionárias - Resumo da Arrecadação Efetuada Tributos / Concessionárias - Resumo da Arrecadação Pendente Tributos / Concessionárias - Documentos de Arrecadação Emitidos Convênio Exclusivo / Carnês assemelhados - Resumo da Arrecadação Efetuada Convênio Exclusivo / Carnês assemelhados - Resumo da Arrecadação Pendente - Convênio Exclusivo / Carnês assemelhados - Guias de Contribuição Sindical Urbana Emitidas - Resumo das Guias de Contribuição Sindical Pagas Direta - Resumo das guias de Contribuição Sindical Urbana Pendentes - Resumo das Guias de Contribuição Sindical Pagas Indireta 23

24 Através do menu relatórios a opção de relatórios: Selecionar o relatório a ser emitido, preencher o campo intervalo de datas Inicial e Final clicar no botão Visualizar para ver os registros em tela ou Imprimir para o relatório em papel. Relatórios Data Inicial / Final - Para guia paga = Data de pagamento - Para arrecadação emitida ( Impresso) = Data de impressão Procedimentos para Baixa Manual. Viabilizar ao responsável (senha/nível), efetuar a baixa manualmente de guias emitidas. 1 Acessar a Tela Principal do Sistema 2 Selecionar no Menu a opção Retorno 3 No Menu Retorno, selecionar a opção Baixa Manual A Baixa Manual deve ser tratada para poder liquidar os documentos da base de dados, selecionar e clicar no tipo de guia escolhida. Após a seleção, será disponibilizado todas as guias pendentes na base de dados, selecionar a guia e clicar no botão Acessar Digitar os dados da guia: Data de pagamento Valor Clicar no botão Gravar Aparecerá a mensagem Baixa concluída com Sucesso 24

25 Clicar no botão OK TRATAMENTO DO RETORNO Neste módulo o usuário pode tratar o Retorno, ou seja, o arquivo de volta com os pagamentos efetivamente realizados ou não (pendentes) das guias geradas e emitidas. Seleciona-se o arquivo que se deseja tratar, no menu Retorno ; Pressiona-se o botão Capturar ; Em seguida o botão Tratar. O retorno deve ser tratado para poder liquidar os documentos da base de dados. 25

26 Procedimentos para tratamento do retorno: Clicar no botão Captura Retorno para realizar a conexão com a Caixa e obter os arquivos disponíveis para a caixa postal. Selecionar o arquivo e clicar no botão Tratar Retorno. 26

27 IMPORTAÇÃO DE ARQUIVOS Neste módulo o usuário poderá importar um arquivo de cada um dos tipos de guias, contendo n guias para serem impressas. Ao pressionar-se o botão Arquivo, a tela para seleção deste arquivo é ativada e, uma vez selecionado, deve-se proceder a importação pressionando-se o botão Importar. Os leiautes para montagem destes arquivos estão no menu Ajuda e Leiautes de Importação de Arquivos. 27

28 UTILITÁRIOS Cópia de Segurança, através deste recurso o usuário gera uma cópia do Banco de Dados do aplicativo, compactada. 28

29 O sistema permite que seja efetuada cópia de segurança e restaurar a cópia efetuada através da opção de utilitários. Através deste recurso o usuário efetuará cadastramento/ alteração/ exclusão de seus usuários, definindo nível de acesso. 29

30 O acesso à tela de manutenção de usuários é permitido a todos os usuários. Contudo, as ações de INCLUSÃO, ALTERAÇÃO e EXCLUSÃO de usuários é restrita ao USUÁRIO MASTER do sistema. NCLUSÃO DE USUÁRIOS Clique sobre o botão INCLUIR. Informe a IDENTIFICAÇÃO do novo usuário, com o máximo de 10 caracteres. O sistema faz a crítica da identificação digitada, não admitindo o cadastramento de usuário com a mesma identificação de outro anteriormente cadastrado. Digite uma SENHA temporária para o novo usuário e informe-o de que sua primeira providência DEVE ser a alteração dessa senha de acesso para uma outra de sua livre escolha, de forma a tornar seu acesso sigiloso. 30

31 O TIPO DE USUÁRIO é pré-definido como ADMINISTRADOR, podendo, contudo, ser alterado para OPERADOR 1, conforme a conveniência. Recomenda-se, entretanto, que não sejam criados muitos ADMINISTRADORES. A diferença fundamental entre o OPERADOR e o ADMINISTRADOR reside justamente na autorização para executar rotinas restritas. Somente aos administradores do sistema é permitido: Exclusão de Lote; Inclusão, Alteração e Exclusão de Usuários; Inclusão e Alteração de Parâmetros. A CONDIÇÃO DE ACESSO ao sistema é pré-definida como LIBERADO, podendo ser alterada para BLOQUEADO (sem permissão de acesso ao sistema). Deve-se pressionar OK para concluir ou CANCELAR para abandonar a operação. ALTERAÇÃO DO USUÁRIO Deve-se selecionar na relação de Usuários Cadastrados a identificação do usuário que deseja alterar e clicar sobre ALTERAR. Podem ser alterados quaisquer dos dados de cadastramento: Senha: a nova senha informada deve, necessariamente, ser considerada como provisória, havendo a necessidade de que o usuário proceda a sua alteração para outra de restrito conhecimento. A senha informada deve ter no mínimo 4 (quatro) e no máximo 6 (seis) caracteres. Caracteres estendidos, tais # % * & etc., ou ainda, caracteres acentuados, devem ser evitados. Tipo de Usuário: determina se o usuário tem acesso com nível de OPERADOR ou ADMINISTRADOR do sistema. Condição de Acesso: libera ou bloqueia o acesso do usuário ao sistema. Por medida de segurança, 5 tentativas consecutivas não válidas de acesso resulta no bloqueio de acesso, cabendo ao administrador liberá-lo. 1 Usuário do sistema com acesso limitado. Possui acesso restrito ao CADASTRO DE USUÁRIOS, podendo consultá-lo, sem permissão para alterá-lo. E não possui acesso as CONFIGURAÇÕES do CAPCAIXA. 31

32 Não é permitido a um ADMINISTRADOR alterar suas próprias características. Caso o ADMINISTRADOR queira alterar sua senha, deve usar a opção (8.2 ALTERAÇÃO DE SENHA). Realizadas as alterações desejadas, deve-se pressionar OK para concluir ou CANCELAR para abandonar a operação. EXCLUSÃO DE USUÁRIOS Deve-se selecionar na relação o usuário que deseja excluir do cadastro e clicar em EXCLUIR. O sistema retorna uma mensagem solicitando que o procedimento seja confirmado. Uma vez confirmado, o usuário é excluído do sistema. ALTERAÇÃO DE SENHA O usuário deve utilizar esta opção para alterar sua própria senha. A senha de acesso deve ter o mínimo de 04 (quatro) e o máximo de 06 (seis) caracteres. Caracteres estendidos, tais # % * & etc., ou ainda, caracteres acentuados, devem ser evitados. Para alterar, deve-se digitar a senha atual, a nova senha no campo apropriado e redigitála no campo seguinte. Clicar OK para confirmar. RELATÓRIO DE CONTROLE DE ACESSO NÍVEL DE SEGURANÇA #10 (USO INTERNO) Deve-se informar o período sobre o qual o CAPCAIXA deve atuar na geração do relatório e clicar em VISUALIZAR. As datas podem ser digitadas ou selecionadas a partir das listas de início e término disponibilizadas pelo sistema. No caso de serem digitadas, faz-se necessário obedecer o seguinte layout: DD/MM/AAAA. 32

33 O RELATÓRIO DE CONTROLE DE ACESSO permite ao ADMINISTRADOR do sistema verificar as ações realizadas por todos os usuários nos trinta dias anteriores à data vigente, constituindo-se no instrumento de auditoria do CAPCAIXA. O relatório apresenta as seguintes informações específicas: Data da ação (dd/mm/aaaa); Hora da ação (hh:mm:ss); Nome do usuário que efetuou a ação; Tipo de ação realizada: Exclusão de lote, Inclusão de Usuário; etc. Informações sobre o objeto da ação realizada. Exemplo: na ação Exclusão de usuário, no campo Observações do relatório será informado o nome do usuário excluído. INFORMAÇÕES SOBRE O APLICATIVO A) Descrição de Leiautes - Através da opção Ajuda / Descrição de Leiautes, o usuário tem, além de uma descrição do aplicativo, a descrição das guias.. B) Descrição de Leiautes - Através da opção Ajuda / Descrição de Leiautes, o usuário tem, além de uma descrição do aplicativo, a descrição das guias.. 33

34 Ajuda Através da opção Ajuda / Sobre o Sistema o usuário terá informações sobre a versão e a área gestora do aplicativo. 34

35 35

Manual CORP Microlins Dinâmica

Manual CORP Microlins Dinâmica Manual CORP Microlins Dinâmica Índice 1. Acesso ao CORP 2. Cadastro de Colaborador 1. Dados 2. Endereço 3. Telefone 4. E-mail 5. Franquias vinculadas 6. Cursos 7. Permissões 3. Cadastro de Recesso 4. Cadastro

Leia mais

Ambiente de Pagamentos

Ambiente de Pagamentos GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DA FAZENDA COORDENADORIA DA ADMINISTRAÇÃOTRIBUTÁRIA DIRETORIA DE INFORMAÇÕES Ambiente de Pagamentos Manual do Contribuinte Versão 26/09/2011 Índice Analítico 1.

Leia mais

COBRANÇA ELETRÔNICA BANRISUL MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO PROGRAMA

COBRANÇA ELETRÔNICA BANRISUL MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO PROGRAMA COBRANÇA ELETRÔNICA BANRISUL MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO PROGRAMA Unidade de Atendimento e Serviços INDICE Requisitos para instalação... 4 Inclusão do Código do Cedente... 5 Inclusão do Sacado... 6 Inclusão

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL

PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL SECRETARIA MUNICIPAL DE TRIBUTAÇÃO M A N U A L D A NOTA FISCAL AVULSA ÍNDICE 1. Acesso ao Portal do Sistema...6 2. Requerimento de Acesso para os novos usuários...6 2.1 Tipo

Leia mais

Manual do usuário SIACC CAIXA Programado 1

Manual do usuário SIACC CAIXA Programado 1 Manual do usuário SIACC CAIXA Programado 1 Índice ACESSO AO SISTEMA CAIXA PROGRAMADO PELA PRIMEIRA VEZ... 6 CONFIGURAÇÕES NECESSÁRIAS PARA ACESSAR O SISTEMA... 6 TELA DE ACESSO AO SISTEMA CAIXA PROGRAMADO...

Leia mais

Manual Do Usuário ClinicaBR

Manual Do Usuário ClinicaBR Manual Do Usuário ClinicaBR SUMÁRIO 1 Introdução... 01 2 ClinicaBR... 01 3 Como se cadastrar... 01 4 Versão experimental... 02 5 Requisitos mínimos p/ utilização... 03 6 Perfis de acesso... 03 6.1 Usuário

Leia mais

Copyright 2004/2014 - VLC

Copyright 2004/2014 - VLC Escrituração Fiscal Manual do Usuário Versão 7.2 Copyright 2004/2014 - VLC As informações contidas neste manual são de propriedade da VLC Soluções Empresariais Ltda., e não poderão ser usadas, reproduzidas

Leia mais

Manual Unilote. Versão 2.1

Manual Unilote. Versão 2.1 Manual Unilote Versão 2.1 1 INDICE Apresentação...4 Principais Características...4 Requisitos Mínimos...4 Requisitos Mínimos de Software...4 Instalação...5 PRIMEIRO PASSOS Dados da Empresa...6 Acessando

Leia mais

PAG CONTAS CARNÊ Agora ficou mais fácil pagar suas contas. PAG CONTAS CARNÊ. Geração de Boletos MANUAL DO USUÁRIO

PAG CONTAS CARNÊ Agora ficou mais fácil pagar suas contas. PAG CONTAS CARNÊ. Geração de Boletos MANUAL DO USUÁRIO PAG CONTAS CARNÊ Geração de Boletos MANUAL DO USUÁRIO MANUAL DE GERAÇÃO DE BOLETOS EMPRESAS CONVENIADAS 1) REQUISITOS DO SISTEMA: Primeiramente devemos possuir seguintes itens abaixo: - Microcomputador

Leia mais

Cadastros. Versão 2.0. Manual destinado à implantadores, técnicos do suporte e usuários finais

Cadastros. Versão 2.0. Manual destinado à implantadores, técnicos do suporte e usuários finais Cadastros Versão 2.0 Manual destinado à implantadores, técnicos do suporte e usuários finais Sumário Cadastro de Grupos de Usuário... 3 Cadastro de Usuários... 4 Cadastro de Clientes... 7 Cadastro de Empresas...

Leia mais

Sistema Integrado de Gerenciamento ARTESP MANUAL DO USUÁRIO SIGA EXTRANET - FRETAMENTO

Sistema Integrado de Gerenciamento ARTESP MANUAL DO USUÁRIO SIGA EXTRANET - FRETAMENTO Sistema Integrado de Gerenciamento ARTESP MANUAL DO USUÁRIO SIGA EXTRANET - FRETAMENTO Versão 1.0 Julho/2012 ÍNDICE 1 REQUISITOS MÍNIMOS PARA INSTALAÇÃO... 4 1.1 Equipamento e Sistemas Operacionais 4 1.1.1

Leia mais

ÍNDICE. ISS Online. Guia do Usuário ÍNDICE

ÍNDICE. ISS Online. Guia do Usuário ÍNDICE Guia do Usuário ÍNDICE ÍNDICE Setembro /2009 www.4rsistemas.com.br 15 3262 8444 IDENTIFICAÇÃO E SENHA... 3 Sou localizado no município... 4 Não sou localizado no município... 4 ACESSO AO SISTEMA... 5 Tela

Leia mais

MANUAL ISS DIGITAL Av. Augusto de Lima, 479-15º Andar - Sala 1511 Centro - Belo Horizonte/MG CEP: 30.190-000 (31) 3201-1639 / Fax: (31) 3212-1215

MANUAL ISS DIGITAL Av. Augusto de Lima, 479-15º Andar - Sala 1511 Centro - Belo Horizonte/MG CEP: 30.190-000 (31) 3201-1639 / Fax: (31) 3212-1215 Av. Augusto de Lima, 479-15º Andar - Sala 1511 Centro - Belo Horizonte/MG CEP: 30.190-000 (31) 3201-1639 / Fax: (31) 3212-1215 1. INTRODUÇÃO Dispõe sobre o sistema eletrônico de gerenciamento de dados

Leia mais

-Entre no menu Cadastros / Sacados -Insira os dados do sacado / clique em Gravar

-Entre no menu Cadastros / Sacados -Insira os dados do sacado / clique em Gravar Acesso ao Sistema -Dê dois cliques no ícone do programa. -Digite o Usuário: MASTER -Digite a Senha: MASTER -Clique em Acessar -Para selecionar o Cedente: - Entre no menu Cadastros - Clique em Selecionar

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.12

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.12 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.12 Pagueban...2 Bancos...2 Configurando Contas...5 Aba Conta Banco...5 Fornecedores Referências Bancárias...7 Duplicatas a Pagar...9 Aba Geral...10 Aba PagueBan...11 Rastreamento

Leia mais

ISSQN MANUAL DE. UTILIZAÇÃO DA NOTA FISCAL ELETRÔNICA (NFe) 1ª edição

ISSQN MANUAL DE. UTILIZAÇÃO DA NOTA FISCAL ELETRÔNICA (NFe) 1ª edição ISSQN MANUAL DE UTILIZAÇÃO DA NOTA FISCAL ELETRÔNICA (NFe) 1ª edição 1 O QUE É A NOTA FISCAL ELETRÔNICA NFe? São notas fiscais de serviços emitidas através de um microcomputador conectado a Internet através

Leia mais

Copyright 2004/2015 - VLC

Copyright 2004/2015 - VLC Nota Fiscal Eletrônica de Serviços Perguntas Frequentes Versão 8.1 Atualizado em 26/08/2015 Copyright 2004/2015 - VLC As informações contidas neste caderno de Perguntas e Respostas são de propriedade da

Leia mais

SISTEMA DE PRODUTOS E SERVIÇOS CERTIFICADOS. MÓDULO DO CERTIFICADOR MANUAL DE OPERAÇÃO Versão 2.4.6

SISTEMA DE PRODUTOS E SERVIÇOS CERTIFICADOS. MÓDULO DO CERTIFICADOR MANUAL DE OPERAÇÃO Versão 2.4.6 SISTEMA DE PRODUTOS E SERVIÇOS CERTIFICADOS Versão 2.4.6 Sumário Fluxograma básico do processo de envio de remessa... 5 Criar novo certificado... 6 Aprovar certificado... 16 Preparar e enviar remessa...

Leia mais

Escritório Virtual Administrativo

Escritório Virtual Administrativo 1 Treinamento Módulos Escritório Virtual Administrativo Sistema Office Instruções para configuração e utilização do módulo Escritório Virtual e módulo Administrativo do sistema Office 2 3 1. Escritório

Leia mais

SuperStore. Sistema para Automação de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Estoque)

SuperStore. Sistema para Automação de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Estoque) SuperStore Sistema para Automação de Óticas MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Estoque) Contato: (34) 9974-7848 http://www.superstoreudi.com.br superstoreudi@superstoreudi.com.br SUMÁRIO 1 ACERTO DE ESTOQUE...

Leia mais

Manual Sistema Curumim. Índice

Manual Sistema Curumim. Índice Versão 1.0 Índice 1. Instalação do Sistema... 3 2. Botões e Legenda... 4 3. Login do Sistema... 5 4. Tela Principal... 6 5. Dados Cadastrais da Empresa... 7 6. Aluno Cadastro... 8 7. Aluno - Cadastro de

Leia mais

Parte I CADASTRO DE SACADO

Parte I CADASTRO DE SACADO Sicoob Coopercred Módulo Cedente Manual do Usuário (versão 2) ÍNDICE Parte I Cadastro de Sacado... 1 Parte II Emissão de Títulos... 1 Emitindo título com registro... 2 Emitindo título sem registro... 3

Leia mais

: Manifesto Eletrônico de Documentos Fiscais - MDF-e

: Manifesto Eletrônico de Documentos Fiscais - MDF-e Manifesto Eletrônico de Documentos Fiscais - MDF-e Produto : RM NUCLEUS - 11.52.61 Processo Subprocesso : Manifesto Eletrônico de Documentos Fiscais - MDF-e : Integração com o TSS / TopConnect / CT-e Data

Leia mais

TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE

TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE GERAÇÃO DE BOLETOS BRADESCO NO FINANCE 2 Índice Como gerar Boleto Bancário pelo Bradesco... 3 Como gerar os arquivos de Remessa para o Banco pelo Finance... 14 Como enviar

Leia mais

Emissão Doc Extra de Locação Sami ERP++

Emissão Doc Extra de Locação Sami ERP++ Emissão Doc Extra de Locação Sami ERP++ 1. Chamada Extra Acesse o módulo FINANCEIRO/ CONTAS À RECEBER/ LOCAÇÃO/ CHAMADA EXTRA. Este programa emite os recibos de cobrança extra do sistema de locação. O

Leia mais

MANUAL DE REGRAS E NORMAS TÉCNICAS PARA WEB GUIA E DEMONSTRATIVO DE PAGAMENTO

MANUAL DE REGRAS E NORMAS TÉCNICAS PARA WEB GUIA E DEMONSTRATIVO DE PAGAMENTO MANUAL DE REGRAS E NORMAS TÉCNICAS PARA WEB GUIA E DEMONSTRATIVO DE PAGAMENTO Este Manual tem por finalidade orientar os procedimentos de preenchimento da Web Guia do CREDENCIADO no atendimento aos beneficiários

Leia mais

E&L Nota Fiscal de Serviços Eletrônica. Manual do Ambiente do Prestador de Serviços do Município

E&L Nota Fiscal de Serviços Eletrônica. Manual do Ambiente do Prestador de Serviços do Município E&L Nota Fiscal de Serviços Eletrônica Manual do Ambiente do Prestador de Serviços do Município Após receber a confirmação de aceite do Credenciamento via e-mail já é possível efetuar o login no sistema

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO RECAM ONLINE

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO RECAM ONLINE MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO RECAM ONLINE Tefefone: (16)37119000 email: recam@franca.sp.gov. Sumário 1. Endereço para acessar o sistema... 3 2. Tipos de acesso ao sistema... 3 3. Termo de acesso cadastrado

Leia mais

SISAUT/FC Sistema de Controle de Transporte Fretado Contínuo de Passageiros

SISAUT/FC Sistema de Controle de Transporte Fretado Contínuo de Passageiros SISAUT/FC Sistema de Controle de Transporte Fretado Contínuo de Passageiros O que é o SISAUT/FC? MANUAL DO USUÁRIO O SISAUT/FC é o sistema por meio do qual são feitos os requerimentos para as autorizações

Leia mais

ROTEIRO NOTA FISCAL ELETRONICA A partir de Agosto/2012

ROTEIRO NOTA FISCAL ELETRONICA A partir de Agosto/2012 ROTEIRO NOTA FISCAL ELETRONICA A partir de Agosto/2012 1. INSTALAÇÃO DO GESTOR Confira abaixo as instruções de como instalar o sistema Gestor. Caso já tenha realizado esta instalação avance ao passo seguinte:

Leia mais

SSE 3.0 Guia Rápido Parametrizando o SISTEMA DE SECRETARIA Nesta Edição Configurando a Conexão com o Banco de Dados

SSE 3.0 Guia Rápido Parametrizando o SISTEMA DE SECRETARIA Nesta Edição Configurando a Conexão com o Banco de Dados SSE 3.0 Guia Rápido Parametrizando o SISTEMA DE SECRETARIA Nesta Edição 1 Configurando a Conexão com o Banco de Dados 2 Primeiro Acesso ao Sistema Manutenção de Usuários 3 Parametrizando o Sistema Configura

Leia mais

Versão Liberada. www.gerpos.com.br. Gerpos Sistemas Ltda. info@gerpos.com.br. Av. Jones dos Santos Neves, nº 160/174

Versão Liberada. www.gerpos.com.br. Gerpos Sistemas Ltda. info@gerpos.com.br. Av. Jones dos Santos Neves, nº 160/174 Versão Liberada A Gerpos comunica a seus clientes que nova versão do aplicativo Gerpos Retaguarda, contendo as rotinas para emissão da Nota Fiscal Eletrônica, já está disponível. A atualização da versão

Leia mais

Cadastramento de Computadores. Manual do Usuário

Cadastramento de Computadores. Manual do Usuário Cadastramento de Computadores Manual do Usuário Setembro 2008 ÍNDICE 1. APRESENTAÇÃO 1.1 Conhecendo a solução...03 Segurança pela identificação da máquina...03 2. ADERINDO À SOLUÇÃO e CADASTRANDO COMPUTADORES

Leia mais

Treinamento Módulo Contas a Pagar

Treinamento Módulo Contas a Pagar Contas a Pagar Todas as telas de cadastro também são telas de consultas futuras, portanto sempre que alterar alguma informação clique em Gravar ou pressione F2. Teclas de atalho: Tecla F2 Gravar Tecla

Leia mais

Manual de Utilização Autorizador

Manual de Utilização Autorizador 1) Acessando: 1-1) Antes de iniciar a Implantação do GSS, lembre-se de verificar os componentes de software instalados no computador do prestador de serviço: a) Sistema Operacional: nosso treinamento está

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA. Documento de Arrecadação Estadual DAE. Manual do Usuário. Versão 1.0.0 SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA

SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA. Documento de Arrecadação Estadual DAE. Manual do Usuário. Versão 1.0.0 SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA 1 SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA Documento de Arrecadação Estadual DAE Manual do Usuário Versão 1.0.0 SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA 66.053-000 Av. Visconde de Souza Franco, 110 Reduto Belém PA Tel.:(091)

Leia mais

Cadastramento de Computadores. Manual do Usuário

Cadastramento de Computadores. Manual do Usuário Cadastramento de Computadores Manual do Usuário Agosto 2006 ÍNDICE 1. APRESENTAÇÃO 1.1 Conhecendo a solução...03 Segurança pela identificação da máquina...03 2. ADERINDO À SOLUÇÃO e CADASTRANDO COMPUTADORES

Leia mais

Pedido de Bar Sistema para controle de pedido de bar

Pedido de Bar Sistema para controle de pedido de bar Pedido de Bar Sistema para controle de pedido de bar Desenvolvido por Hamilton Dias (31) 8829.9195 Belo Horizonte hamilton-dias@ig.com.br www.h-dias.cjb.net ÍNDICE Introdução...3 Implantação...3 Instalação...3

Leia mais

Módulo Vendas Balcão. Roteiro passo a passo. Sistema Gestor New

Módulo Vendas Balcão. Roteiro passo a passo. Sistema Gestor New 1 Roteiro passo a passo Módulo Vendas Balcão Sistema Gestor New Instruções para configuração e utilização do módulo Vendas balcão com uso de Impressora fiscal (ECF) 2 ÍNDICE 1. Cadastro da empresa......3

Leia mais

Instruções para configuração e utilização do. fiscal (ECF)

Instruções para configuração e utilização do. fiscal (ECF) 1 Instruções para configuração e utilização do módulo Vendas balcão SEM Impressora de cupom fiscal (ECF) 2 ÍNDICE 1. Cadastro da empresa...3 2. Configurações dos Parâmetros......3 3. Cadastro de cliente...4

Leia mais

MEGASALE PAF-ECF AOB SOFTWARE INFORMATICA LTDA

MEGASALE PAF-ECF AOB SOFTWARE INFORMATICA LTDA MEGASALE PAF-ECF 2 MEGASALE PAF-ECF Tabela de Conteúdo Introdução 4 Login Megasale PAF-ECF 5 Frente de Loja (E.C.F) 5 1 Buscando... uma Pré-Venda 9 2 Buscando... um DAV 12 Incluindo Pré-Venda 14 Incluindo

Leia mais

Manual de Utilização. Sistema. Recibo Provisório de Serviço

Manual de Utilização. Sistema. Recibo Provisório de Serviço Manual de Utilização Sistema Recibo Provisório de Serviço Versão 1.0 17/08/2011 Sumário Introdução... 5 1. Primeiro Acesso... 7 2. Funções do e-rps... 8 2.1 Menu Superior... 8 2.1.1 Arquivo......8 2.1.2

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE EMISSÃO DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE EMISSÃO DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE EMISSÃO DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA Apresentação Este sistema faz parte do Portal NFS Digital e tem o intuito de ser utilizado por emissores de Nota Fiscal de Serviços

Leia mais

Manual SIGA Sistema Integrado de Gestão da Arrecadação

Manual SIGA Sistema Integrado de Gestão da Arrecadação Manual SIGA Sistema Integrado de Gestão da Arrecadação Unidade de Desenvolvimento Associativo SUMÁRIO 1. CADASTRO DO SINDICATO 5 1.1 ALTERAÇÃO DOS DADOS CADASTRAIS DO SINDICATO 5 1.2 RESTRIÇÃO DE BASE

Leia mais

O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo

O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo em sua oficina. O sistema foi desenvolvido para ser utilizado

Leia mais

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet.

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet. Conteúdo 1. Descrição geral 2 2. Resumo das funcionalidades 3 3. Efetuar cadastro no sistema 4 4. Acessar o sistema 6 5. Funcionalidades do menu 7 5.1 Dados cadastrais 7 5.2 Grupos de usuários 7 5.3 Funcionários

Leia mais

Particularidades BB. Leiaute CNAB 240. julho / 2011

Particularidades BB. Leiaute CNAB 240. julho / 2011 Particularidades BB Leiaute CNAB 240 julho / 2011 Sumário Assunto página Últimas Alterações 3 Header de Arquivo 5 Header de Lote 6 Segmento P 8 Segmento Q 11 Segmento R 13 Segmento S 15 Segmento Y-01 16

Leia mais

Passos básicos para utilização de Nota Fiscal Eletrônica (NF-E)

Passos básicos para utilização de Nota Fiscal Eletrônica (NF-E) Conteúdo Solicitação de Autorização...2 Numeração da NF-E...3 Emissão de NF-E...3 Pesquisa de NF-E emitida...5 Cancelamento de NF-E emitida...5 Carta de Correção...6 Envio de Arquivo de RPS...6 Número

Leia mais

SSE 3.0. Guia Rápido. Módulo Secretaria. Nesta Edição

SSE 3.0. Guia Rápido. Módulo Secretaria. Nesta Edição SSE 3.0 Guia Rápido Módulo Secretaria Nesta Edição 1 Acessando o Módulo Secretaria 2 Cadastros Auxiliares 3 Criação de Modelos Definindo o Layout do Modelo Alterando o Layout do Cabeçalho 4 Parametrização

Leia mais

Treinamento Sistema Condominium Módulo II

Treinamento Sistema Condominium Módulo II CONDOMINIUM - Módulo II GERAÇÃO DE EMISSÕES RATEIO Neste módulo o aprendizado será a emissão dos boletos bancários. O sistema disponibiliza algumas maneiras para facilitar o seu dia-a-dia: Sequencia para

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e) Acesso ao Sistema - Pessoa Física

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e) Acesso ao Sistema - Pessoa Física Acesso ao Sistema - Pessoa Física Página 2 de 37 Índice ÍNDICE... 2 1. CONSIDERAÇÕES GERAIS... 4 1.1. DEFINIÇÃO... 4 1.2. OBRIGATORIEDADE DE EMISSÃO DA NFS-E... 4 1.3. CONTRIBUINTES IMPEDIDOS DA EMISSÃO

Leia mais

Passo a Passo do Orçamentos de Entrada no SIGLA Digital

Passo a Passo do Orçamentos de Entrada no SIGLA Digital Passo a Passo do Orçamentos de Entrada no SIGLA Digital Página 1 de 9 Este é um dos principais módulos do SIGLA Digital. Utilizado para dar entrada de produtos no estoque, essa ferramenta segue a seguinte

Leia mais

ORDENS BANCÁRIAS ESTADOS E MUNICÍPIOS MANUAL DO USUÁRIO

ORDENS BANCÁRIAS ESTADOS E MUNICÍPIOS MANUAL DO USUÁRIO ORDENS BANCÁRIAS ESTADOS E MUNICÍPIOS MANUAL DO USUÁRIO Ordens Bancárias Estados e Municípios Sumário 1. Introdução... 3 2. Público Alvo... 3 3. Características... 4 3.1. Modalidades e tipos de ordens

Leia mais

Manual de PRODUÇÃO ONLINE. Autorização e Faturamento

Manual de PRODUÇÃO ONLINE. Autorização e Faturamento Manual de PRODUÇÃO ONLINE 2 APRESENTAÇÃO A Unimed-Rio desenvolveu seu sistema de Produção Online, criado para facilitar a rotina de atendimento de seus médicos cooperados. Este sistema é composto por dois

Leia mais

Comunicação On-Line entre operadora Unimed

Comunicação On-Line entre operadora Unimed Comunicação On-Line entre operadora Unimed Ambiente : Planos de Saúde Boletim : 00001261-06 Data da publicação : 22/12/06 Data da revisão : 09/02/07 Versões : AP 7.10 e Protheus 8.11 Países : Brasil Sistemas

Leia mais

Smart Laudos 1.9. A Forma Inteligente de Criar seus Laudos Médicos. Manual do Usuário

Smart Laudos 1.9. A Forma Inteligente de Criar seus Laudos Médicos. Manual do Usuário Smart Laudos 1.9 A Forma Inteligente de Criar seus Laudos Médicos Manual do Usuário Conteúdo 1. O que é o Smart Laudos?... 3 2. Características... 3 3. Instalação... 3 4. Menu do Sistema... 4 5. Configurando

Leia mais

VESOFTWARE - DESENVOLIMENTO DE SISTEMAS E WEBSITES Fone: (11) 4036-6980 VIVO(11)9607-5649 TIM(11)7013-8480 1-13

VESOFTWARE - DESENVOLIMENTO DE SISTEMAS E WEBSITES Fone: (11) 4036-6980 VIVO(11)9607-5649 TIM(11)7013-8480 1-13 1-13 INTRODUÇÃO O Programa pode ser instalado em qualquer equipamento que utilize o sistema operacional Windows 95 ou superior, e seu banco de dados foi desenvolvido em MySQL, sendo necessário sua pré-instalação

Leia mais

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1 MANUAL DO USUÁRIO Índice 1. Introdução... 3 2. Acesso ao Sistema... 4 2.1. Instalação... 4 2.1.1. Servidor - Computador Principal... 4 2.1.2. Estação - Computador na Rede... 6 2.1.3. Estação - Mapeamento

Leia mais

SISTEMA INTEGRADO DE ADMINISTRAÇÃO DA RECEITA PED MANUAL INTERNET

SISTEMA INTEGRADO DE ADMINISTRAÇÃO DA RECEITA PED MANUAL INTERNET SISTEMA INTEGRADO DE ADMINISTRAÇÃO DA RECEITA MANUAL INTERNET ÍNDICE Sistema Integrado de Administração da Receita 1 INTRODUÇÃO GERAL... 4 2 INTRODUÇÃO AO... 4 2.1 OBJETIVOS... 4 2.2 BENEFÍCIOS... 4 2.3

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÂO E OPERAÇÃO DO SOFTWARE

MANUAL DE INSTALAÇÂO E OPERAÇÃO DO SOFTWARE MANUAL DE INSTALAÇÂO E OPERAÇÃO DO SOFTWARE SPEED Instalação e configuração Belo Horizonte Agosto - 2007 INTRODUÇÃO Bem vindo ao sistema de consultas SPEED! O software SPEED é um sistema indispensável

Leia mais

Sistema Protocolo, Tramitação e Arquivamento de Processos Manual do Usuário

Sistema Protocolo, Tramitação e Arquivamento de Processos Manual do Usuário SERVIÇO PÚBLICO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ ARQUIVO CENTRAL Sistema Protocolo, Tramitação e Arquivamento de Processos Manual do Usuário Belém Pará Fevereiro 2000 Sumário Introdução... 3 Acesso ao Sistema...

Leia mais

Gerenciamento e Captura de Cheques - Sistec. Manual de Instalação e Importação ÍNDICE 1.INSTALAÇÃO. 1.1 - Instalando o programa

Gerenciamento e Captura de Cheques - Sistec. Manual de Instalação e Importação ÍNDICE 1.INSTALAÇÃO. 1.1 - Instalando o programa ÍNDICE 1 1.INSTALAÇÃO 1.1 - Instalando o programa 1.2 - Configurando dados do cliente 1.3 - Identificando o leitor de cheques Gerenciamento e Captura de Cheques - Sistec 1.4 - Cadastrando a conta do cliente

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO SUMÁRIO

MANUAL DO USUÁRIO SUMÁRIO SUMÁRIO 1. Home -------------------------------------------------------------------------------------------------------- 7 2. Cadastros -------------------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

CARTILHA DO PRODUTO. Débito Direto Autorizado. www.unicredcentralsc.com.br. Versão. 01-07/2012

CARTILHA DO PRODUTO. Débito Direto Autorizado. www.unicredcentralsc.com.br. Versão. 01-07/2012 CARTILHA DO PRODUTO Débito Direto Autorizado Versão. 01-07/2012 www.unicredcentralsc.com.br ÍNDICE APRESENTAÇÃO Apresentação...02 Como funciona o DDA...03 DDA Unicred...04 DDA Módulos Internet Banking...06

Leia mais

manual Sistema de Gestão de Contribuições

manual Sistema de Gestão de Contribuições manual Sistema de Gestão de Contribuições Conteúdo 1. Login 4 2. Home 5 3. Informações básicas 3.1. Menus 6 3.2. Números e status 7 3.3. Ações 8 4. Ambientes da ferramenta 4.1. Sindicato 13 4.2. Empresas

Leia mais

http://web.asplan.com.br/aspnet

http://web.asplan.com.br/aspnet MANUAL DE IMPLANTAÇÃO ASPNET 2.0 Cliente http://web.asplan.com.br/aspnet Revisão 10/2010 1. COMO ACESSAR O ASPNET O cadastramento dos usuários Clientes é de responsabilidade dos setores do Escritório Contábil,

Leia mais

MANUAL FUNCIONAL SOBRE NFS-e MUNICÍPIO DE PASSO FUNDO/RS

MANUAL FUNCIONAL SOBRE NFS-e MUNICÍPIO DE PASSO FUNDO/RS MANUAL FUNCIONAL SOBRE NFS-e MUNICÍPIO DE PASSO FUNDO/RS SUMÁRIO SUMÁRIO...2 1. APRESENTAÇÃO...4 1 2. ACESSO AO APLICATIVO...5 3. GERAÇÃO DE NFS-e...6 3.1. Preenchimento dos dados para emissão da NFS-e...6

Leia mais

1- Requisitos mínimos. 2- Instalando o Acesso Full. 3- Iniciando o Acesso Full pela primeira vez

1- Requisitos mínimos. 2- Instalando o Acesso Full. 3- Iniciando o Acesso Full pela primeira vez Manual Conteúdo 1- Requisitos mínimos... 2 2- Instalando o Acesso Full... 2 3- Iniciando o Acesso Full pela primeira vez... 2 4- Conhecendo a barra de navegação padrão do Acesso Full... 3 5- Cadastrando

Leia mais

SISTEMA INTEGRADO DE ADMINISTRAÇÃO DA RECEITA. Módulo Regime Especial Internet

SISTEMA INTEGRADO DE ADMINISTRAÇÃO DA RECEITA. Módulo Regime Especial Internet SISTEMA INTEGRADO DE ADMINISTRAÇÃO DA RECEITA Módulo Regime Especial Internet ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO GERAL... 3 2 INTRODUÇÃO AO MÓDULO REGIME ESPECIAL... 3 2.1 SEGURANÇA... 3 2.2 BOTÕES... 3 2.3 PREENCHIMENTO...

Leia mais

Manual de Utilização

Manual de Utilização Manual de Utilização Índice 1 Introdução...2 2 Acesso ao Sistema...3 3 Funcionamento Básico do Sistema...3 4 Tela Principal...4 4.1 Menu Atendimento...4 4.2 Menu Cadastros...5 4.2.1 Cadastro de Médicos...5

Leia mais

Manual do Software de Cobrança Itaú

Manual do Software de Cobrança Itaú Banco Itaú SA Manual do Software de Cobrança Itaú Última atualização: agosto/2006 Índice 1 Visão Geral 03 2 Instalação 03 3 Inserindo os dados de sua empresa 03 4 Inserindo os dados dos títulos de Cobrança

Leia mais

Cotação de Compras on line

Cotação de Compras on line Cotação de Compras on line www.criciuma.unimedsc.com.br/compras Elaborado por: Glória Firmino Felisberto (Setor de Tecnologia da Informação) Osvaldo Cardoso do Canto () 1 MANUAL DO SISTEMA DE COTAÇÃO DE

Leia mais

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet.

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet. 1. Descrição Geral Este manual descreve as operações disponíveis no módulo VTWEB Client, cuja finalidade é gerenciar cadastros de funcionários, realização de pedidos e controle financeiro dos pedidos.

Leia mais

MANUAL DO PROGRAMA CSPSNet

MANUAL DO PROGRAMA CSPSNet MANUAL DO PROGRAMA CSPSNet Qualquer dúvida entre em contato: (33)32795093 01 USUÁRIO/CSPSNet O sistema CSPSNet está configurado para funcionar corretamente nos seguintes browsers: Internet Explorer 8.0,

Leia mais

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador.

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador. INTRODUÇÃO O Programa pode ser instalado em qualquer equipamento que utilize o sistema operacional Windows 95 ou superior, e seu banco de dados foi desenvolvido em MySQL, sendo necessário sua pré-instalação

Leia mais

Portal dos Convênios - SICONV. Inclusão e Envio de Proposta. Manual do Usuário

Portal dos Convênios - SICONV. Inclusão e Envio de Proposta. Manual do Usuário MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE LOGÍSTICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DEPARTAMENTO DE LOGÍSTICA E SERVIÇOS GERAIS Portal dos Convênios - SICONV Inclusão e Envio de Proposta Manual

Leia mais

LINX POSTOS AUTOSYSTEM

LINX POSTOS AUTOSYSTEM LINX POSTOS AUTOSYSTEM Manual Sumário 1 CONCEITO... 4 2 REQUISITOS... 4 3 CONFIGURAÇÕES... 4 3.1 Permissões de Acesso... 4 3.2 Plano de Contas... 5 3.2.1 Parcelado... 6 3.2.2 Parcelamento Notas a Prazo...

Leia mais

VESOFTWARE - DESENVOLIMENTO DE SISTEMAS E WEBSITES Fone: (11) 4036-6980 VIVO(11)9607-5649 TIM(11)7013-8480 www.vesoftware.com.

VESOFTWARE - DESENVOLIMENTO DE SISTEMAS E WEBSITES Fone: (11) 4036-6980 VIVO(11)9607-5649 TIM(11)7013-8480 www.vesoftware.com. Fone: (11) 4036-6980 VIVO(11)9607-5649 TIM(11)7013-8480 www.vesoftware.com.br 1-15 INTRODUÇÃO O Programa pode ser instalado em qualquer equipamento que utilize o sistema operacional Windows 95 ou superior,

Leia mais

Plano de Carreira Sistema de Apoio à Gestão de Planos de Carreira

Plano de Carreira Sistema de Apoio à Gestão de Planos de Carreira Plano de Carreira Sistema de Apoio à Gestão de Planos de Carreira Manual do Usuário Página1 Sumário 1 Configurações Recomendadas... 4 2 Objetivos... 4 3 Acesso ao Sistema... 5 3.1. Acessar 6 3.2. Primeiro

Leia mais

Usuários. Manual. Pergamum

Usuários. Manual. Pergamum Usuários Manual Pergamum Sumário 1 APRESENTAÇÃO... 1-2 2 CADASTRANDO UM NOVO USUÁRIO/OPERADOR... 2-1 3 UTILIZANDO O MÓDULO DE USUÁRIOS... 3-2 3.1 CONFIGURAÇÃO DE GUIAS NO EXPLORER... 3-3 4 CADASTRO...

Leia mais

Leiaute do Arquivo Padrão FEBRABAN 240 - SIACC

Leiaute do Arquivo Padrão FEBRABAN 240 - SIACC Grau de sigilo #PÚBLICO DESCRIÇÃO DOS REGISTROS DO ARQUIVO REMESSA Descrição do Registro HEADER de Arquivo - 0 Campo De Até Picture Conteúdo 0.01 001 003 9(003) Código do Banco 0.02 004 007 9(004) Lote

Leia mais

Movimento. Financeiro. Bancário. Contas a Pagar. Lançamento de Contas a Pagar (simples) Contas a Receber. Lançamento de Contas a Receber (simples)

Movimento. Financeiro. Bancário. Contas a Pagar. Lançamento de Contas a Pagar (simples) Contas a Receber. Lançamento de Contas a Receber (simples) Movimento Financeiro Contas a Pagar Lançamento de Contas a Pagar (simples) Contas a Receber Lançamento de Contas a Receber (simples) Movimento de Caixa Fechamento Caixa Bancos Apropriações de Centros de

Leia mais

Domínio Registro. Teclas de atalho para ajudar na utilização do Sistema e cadastros em todos dos Módulos. Menu Controle

Domínio Registro. Teclas de atalho para ajudar na utilização do Sistema e cadastros em todos dos Módulos. Menu Controle Domínio Registro O Domínio Registro foi desenvolvido para gerenciar todos os processos referentes à abertura e fechamento de empresas, permite a confecção de contratos, alterações e distratos sociais,

Leia mais

MANUAL CONSIGFÁCIL Acesso: Servidor

MANUAL CONSIGFÁCIL Acesso: Servidor Sistema de Gestão e Controle de Consignações On-Line - CONSIGFÁCIL MANUAL CONSIGFÁCIL Acesso: Servidor V.4.2 (Agosto/2014) 1 SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 1. ACESSANDO O CONSIGFÁCIL... 4 1.1. NAVEGADOR... 4

Leia mais

Manual de Utilização Portal de Serviços do Inmetro nos Estados - PSIE

Manual de Utilização Portal de Serviços do Inmetro nos Estados - PSIE Manual de Utilização Portal de Serviços do Inmetro nos Estados - PSIE Sumário PRESTAÇÃO DE CONTAS DE ETIQUETAS DE REPARO...3 Figura 1.0...3 Figura 2.0...4 Figura 3.0...5 Figura 4.0...5 1. Proprietário

Leia mais

2. INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO

2. INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO INDICE 1. INTRODUÇÃO 2. INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO 2.1. COMPARTILHANDO O DIRETÓRIO DO APLICATIVO 3. INTERFACE DO APLICATIVO 3.1. ÁREA DO MENU 3.1.2. APLICANDO A CHAVE DE LICENÇA AO APLICATIVO 3.1.3 EFETUANDO

Leia mais

Principais Novidades Abril/2013 a Junho/2013

Principais Novidades Abril/2013 a Junho/2013 Principais Novidades Abril/2013 a Junho/2013 Sumário 1. Ambiente Group Shopping... 3 2. Alteração na Tela de Contratos e Controle de Edições... 7 3. Propagação de Contratos... 10 4. Configuração de Impressora

Leia mais

Manual Laboratório. ICS Sistemas de Gestão em Saúde ICS 01/01/2014

Manual Laboratório. ICS Sistemas de Gestão em Saúde ICS 01/01/2014 2014 Manual Laboratório ICS Sistemas de Gestão em Saúde ICS 01/01/2014 Sumário Acesso ao Sistema... 2 Menu Cadastros... 4 Cadastro de usuários... 4 Inclusão de Novo Usuário... 5 Alteração de usuários...

Leia mais

Manual do sistema SMARsa Web

Manual do sistema SMARsa Web Manual do sistema SMARsa Web Módulo Gestão de atividades RS/OS Requisição de serviço/ordem de serviço 1 Sumário INTRODUÇÃO...3 OBJETIVO...3 Bem-vindo ao sistema SMARsa WEB: Módulo gestão de atividades...4

Leia mais

PRONIM ED - EDUCAÇÃO Financeiro

PRONIM ED - EDUCAÇÃO Financeiro PRONIM ED - EDUCAÇÃO Financeiro SUMÁRIO 1. FINANCEIRO... 5 1.1. ED - SECRETARIA... 5 1.2. ED - ESCOLA... 5 1.3. USUÁRIOS POR ENTIDADE NO ED SECRETARIA E ESCOLA... 6 2. FINANCEIRO - SECRETARIA... 7 2.1.

Leia mais

MANUAL OPERACIONAL DO SISTEMA ESTADUAL DE CONTROLE DE PESCA

MANUAL OPERACIONAL DO SISTEMA ESTADUAL DE CONTROLE DE PESCA SISTEMA IMASUL DE REGISTROS E INFORMAÇÕES ESTRATÉGICAS DO MEIO AMBIENTE MANUAL OPERACIONAL DO SISTEMA ESTADUAL DE CONTROLE DE PESCA Manual Operacional para uso exclusivo do módulo do Sistema Estadual de

Leia mais

ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO. 04 2 ACESSO. 05 3 ABERTURA DE PROTOCOLO. 06 4 CONSULTA DE PROTOCOLO. 08 5 PROTOCOLO PENDENTE. 10 6 CONFIRMAÇÃO DE RECEBIMENTO.

ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO. 04 2 ACESSO. 05 3 ABERTURA DE PROTOCOLO. 06 4 CONSULTA DE PROTOCOLO. 08 5 PROTOCOLO PENDENTE. 10 6 CONFIRMAÇÃO DE RECEBIMENTO. ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO... 04 2 ACESSO... 05 3 ABERTURA DE PROTOCOLO... 06 4 CONSULTA DE PROTOCOLO... 08 5 PROTOCOLO PENDENTE... 10 6 CONFIRMAÇÃO DE RECEBIMENTO... 11 7 ANDAMENTO DE PROTOCOLO... 12 8 RELATÓRIOS,

Leia mais

EMPRESA DE SANEAMENTO DE MATO GROSSO DO SUL S.A. SUMÁRIO. Acessar o sistema MICROSIGA... 3. Elaborar Solicitação de Compra... 5

EMPRESA DE SANEAMENTO DE MATO GROSSO DO SUL S.A. SUMÁRIO. Acessar o sistema MICROSIGA... 3. Elaborar Solicitação de Compra... 5 Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul S.A. SANESUL MANUAL OPERACIONAL COMPRAS Gerência de Suprimentos SUP/GESU SUMÁRIO Acessar o sistema MICROSIGA... 3 Elaborar Solicitação de Compra... 5 Gerar Relatório

Leia mais

G N R E CONSIDERAÇÕES INICIAIS

G N R E CONSIDERAÇÕES INICIAIS G N R E CONSIDERAÇÕES INICIAIS O Guia Nacional de Recolhimento de Tributos Estaduais GNRE é um documento para operações de vendas que são feitas para fora do estado de produção do produto, sujeitas à substituição

Leia mais

CeC. Cadastro eletrônico de Contribuintes. Usuário Anônimo

CeC. Cadastro eletrônico de Contribuintes. Usuário Anônimo CeC Cadastro eletrônico de Contribuintes Usuário Anônimo Versão 1.3 11/02/2011 SUMÁRIO Apresentação... 3 Objetivos... 3 1. Solicitação de CeC... 4 1.1. Cadastro de Pessoas Físicas... 6 1.1.1 Cadastro de

Leia mais

MANUAL DO GERENCIADOR ESCOLAR WEB

MANUAL DO GERENCIADOR ESCOLAR WEB CNS LEARNING MANUAL DO GERENCIADOR ESCOLAR WEB Versão Online 13 Índice ÍNDICE... 1 VISÃO GERAL... 2 CONCEITO E APRESENTAÇÃO VISUAL... 2 PRINCIPAIS MÓDULOS... 3 ESTRUTURAÇÃO... 3 CURSOS... 4 TURMAS... 4

Leia mais

SISTEMA DE GRERJ ELETRÔNICA JUDICIAL

SISTEMA DE GRERJ ELETRÔNICA JUDICIAL TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DGTEC Diretoria Geral de Tecnologia da Informação DERUS Departamento de Relacionamento com o Usuário MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA DE GRERJ ELETRÔNICA JUDICIAL

Leia mais

TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE

TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE GERAÇÃO DE BOLETOS CAIXA ECONÔMICA FEDERAL NO FINANCE Finance V10 New 2 Índice Como gerar Boleto Bancário pela Caixa Econômica... 3 Como efetuar a Conciliação por Extrato

Leia mais

Módulo Consulta de Contribuinte Internet

Módulo Consulta de Contribuinte Internet SISTEMA INTEGRADO DE ADMINISTRAÇÃO DA RECEITA Módulo Consulta de Contribuinte Internet ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO GERAL... 3 2 INTRODUÇÃO AO MÓDULO CONSULTA DE CONTRIBUINTE... 3 2.1 SEGURANÇA... 3 2.2 BOTÕES...

Leia mais