Celebração. Penitencial. Paróquia de S. ta Maria dos Anjos. Preparação para o Crisma. Esposende

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Celebração. Penitencial. Paróquia de S. ta Maria dos Anjos. Preparação para o Crisma. Esposende"

Transcrição

1 Celebração Penitencial Hoje reconciliei-me com Deus, obtive a graça do Seu Amor em me perdoar. Vou louvar o Pai Bom pelo Seu amor por mim. Paróquia de S. ta Maria dos Anjos Preparação para o Crisma Esposende

2 Acção de Graças S. Oremos dando graças ao Senhor Nós vos damos graças, Senhor Jesus, porque estais sempre pronto a oferecer-nos perdão e a renovar a amizade ou aliança que nos une a vós. Ajudai-nos a perdoarmos também de todo o nosso coração aos que nos ofendem. Dai-nos força para vivermos unidos no mesmo amor, dando testemunho de alegria nos nossos ambientes. Vós que viveis com o Pai na unidade do Espírito Santo. R,. Amém Cântico final: Grande é o amor de Deus. Tão alto que eu não posso estar acima dele Tão baixo que eu não posso estar abaixo dele Tão largo que eu não posso estar fora dele Grande é o amor de Deus. Presidente: Com esta certeza do amor de Deus e o coração cheio de alegria: Vamos em paz e o Senhor nos acompanhe. Todos: Amén. Hoje reconciliei-me com Deus, obtive a graça do Seu Amor através do Sacramento da Reconciliação. 8 Cântico: Deus está aqui 1- Introdução: CELEBRAÇÃO PENITENCIAL C: Hoje reunimo-nos para celebrar o Sacramento da Reconciliação. Todos nós temos grandes ou pequenas faltas na nossa vida do dia a dia. É importante reconhecer que somos pecadores e dispormo-nos a celebrarmos o Sacramento da Reconciliação com fé, humildade e verdadeiro propósito de mudar de vida. Irá ser proclamada uma Leitura, rezaremos um salmo, iremos fazer um exame de consciência, as palavras que o Sacerdote nos vai dirigir e os momentos de silêncio ajudar-nos-ão à preparação interior, para que seja séria e conscientemente vivida com atenção. Certos que a nossa autêntica felicidade e libertação só vem do Senhor, Libertador e Redentor do homem, preparemo-nos para O acolher na nossa casa, para que seja em nós perdão, graça, vida nova. 2- Saudação e Oração S: A graça, a paz e a misericórdia de Deus nosso Pai e de Jesus Cristo nosso Senhor estejam convosco. T: Bendito seja Deus que nos reuniu no amor de Cristo. S: ÓDeus que Te mostraste Pai da misericórdia e do perdão em Teu Filho Jesus Cristo, manda sobre nós a força renovadora do Teu Espírito e faz-nos experimentar a alegria da Reconciliação. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, Teu Filho e nosso irmão na unidade do Espírito Santo. T: Amen. 1

3 C: Só seremos verdadeiramente felizes, se estivermos em plena comunhão com Deus, com os outros que nos rodeiam, connosco próprios. Quanto mais próximos estivermos de Deus, mais felizes nos tornamos. Até á uma história que nos diz isto mesmo, que vos vou contar: História: Os nós da corda (Encenação) Na aldeia havia um homem que vivia sempre muito sereno. Irradia paz, simpatia e bondade. As pessoas interrogavam-se sobre a razão de ser de uma vida tão feliz, até porque toda a gente sabia que esse homem não era nenhum santo. Um dia, um vizinho perguntou-lhe qual a razão de ser de viver com tanta serenidade. Ele respondeu: Acredito no amor de Deus para connosco e procuro corresponder a esse amor. Mas nunca se sentiu pecador? Sim e muitas vezes. Mas, apesar disso, sinto-me cada vez mais perto de Deus. Eu explico-lhe melhor. Então explique-me, por favor. Eu imagino que cada um de nós está ligado a Deus por uma corda. Quando pecamos, cortamos essa corda. E quando nos arrependemos sinceramente, a amizade com Deus restabelece-se de novo. Então ele pega nas duas pontas da corda e dá um nó para a emendar. A corda vai ficando cada vez mais curta, e assim aproximamo-nos cada vez mais de Deus. (distribuição de um pedaço de cordel a cada um dos presentes) 2 C. E porque nos perdoamos mutuamente, peçamos a Deus que nos perdoe da mesma maneira, aproximando-nos do Sacerdote, diante de Deus apresentemos-lhe as nossas faltas para que Deus nos perdoe. Agora, e antes de nos acusarmos pecadores, cada um vai cortar o seu cordel em dois, como sinal de que é pecador Confissão individual Durante este momento haverá musica suave Absolvição colectiva (após a confissão dos Pecados) Sacerdotes presentes: Deus Pai de Misericórdia, que pela morte e ressurreição de Seu Filho reconciliou o mundo consigo e infundiu o Espírito Santo para remissão dos pecados vos conceda, pelo ministério da Igreja o perdão e a paz. E eu nós absolvemos, de todos os vossos pecados em nome do Pai, e do Filho e do Espírito Santo. R. Amen. Após a absolvição o padre convida cada um a dar o nó no cordel anteriormente cortado, sinal da reconciliação com Deus. Porque nos sentimos agora irmãos reconciliados uns com os outros e com Deus, ousamos rezar, cantando, a oração que Jesus nos ensinou. R. Pai Nosso 7

4 Símbolo: Flor L. Pelas vezes em que não respeitamos a natureza somos insensíveis aos fenómenos da poluição do planeta ou poluímos a humanidade com a nossa maldade, Símbolo: Cristo partido L. Pelas vezes em que não vivemos de acordo com a mensagem de Cristo, Pelas vezes em que não participámos na Eucaristia, Pelas vezes em que não demos testemunho de vida nova, 3- Rito da Reconciliação De pé C. Inclinados profundamente, confessamos os nossos pecados a Deus e uns aos outros. R. Confesso a Deus todo-poderoso e a vós, irmãos, que pequei muitas vezes por pensamentos e palavras, actos e omissões, por minha culpa, minha tão grande culpa. E peço á Virgem Maria, aos Anjos e Santos, e a vós, irmãos, que rogueis por mím a Deus nosso Senhor Liturgia da Palavra C: Foi- vos distribuído um pedaço de cordel, à semelhança da história que escutamos. Vamos imaginar que este pedaço de cordel é de facto a nossa ligação com Deus. Sabemos que nenhum de nós é capaz de manter esta ligação intacta. Mas é preciso que nos reconheçamos doentes, pecadores, infiéis ao amor de Deus, como este homem que ouvíamos na história. Sem isto não poderá haver cura, perdão, misericórdia; não poderemos restabelecer a nossa ligação com Deus. Na leitura que vamos ouvir, S. João coloca à nossa reflexão a certeza do nosso pecado e a maravilhosa alegria do perdão de Deus. Leitor: Leitura da Primeira Carta de S. João Irmãos: É esta a mensagem que ouvimos d Ele e vos anunciamos: Deus é luz e n Ele não há trevas. Se dissermos que temos comunhão com Ele e andarmos nas trevas, mentimos e não praticamos a verdade. Mas se andarmos na luz com Ele está na luz, estamos em comunhão uns com os outros e o Sangue de Jesus Cristo, seu Filho, purifica-nos de todo o pecado. Se dissermos que não temos pecados, enganamo-nos a nós mesmos e não há verdade em nós. se confessarmos os nossos pecados, Ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e purificar-nos de toda a iniquidade. se dissermos que não pecamos, fazêmo-lo mentiroso, e a sua palavra não está em nós. Filhinhos, escrevo-vos estas coisas que não pequeis, mas se alguém pecar, temos um advogado junto do Pai, Jesus Cristo, o Justo. Ele é a propiciação pelos nossos pecados pelos de todo o mundo. Palavra do Senhor 3

5 Salmo Responsorial: Refrão: Junto do Senhor a misericórdia Junto do Senhor a abundância da Redenção Do mais fundo de mim, por vós eu clamo Senhor Senhor, escutai a minha voz. Estejam atentos os vossos ouvidos Aos gritos da minha súplica Se tiverdes em conta os nossos pecados, Senhor, quem poderá salvar-se? Mas em Vós Senhor, encontra-se o perdão; Por isso vos servimos reverentes. Reflexão do Presidente Exame de consciência: C: Depois de termos ouvido a Palavra que o Senhor dirige hoje a cada um de nós, o Senhor convida-nos à conversão e nos promete o seu perdão. Agora vamos, numa atitude generosa, confrontar a nossa vida com essa Palavra e pedir força para recomeçar uma vida nova. Símbolo: Máscara L. Pelas vezes em que damos falsas imagens de nós próprios, pelas vezes em que mentimos em proveito próprio, pelas vezes em que não somos sinceros uns com os outros, 4 Símbolo: Relógio L. Pelas vezes em que não sabemos aproveitar o tempo, pelas vezes em que o perdemos em coisas sem interesse, pelas vezes em que não tens tempo para dar aos outros, nós Vos pedimos perdão Símbolo: Marioneta / Fios de várias cores L. Pelas vezes em que nos deixamos manipular facilmente pelos fios do prazer, da posse de coisas, do orgulho, pelos fios do individualismo, da violência, da indiferença, Símbolo: Carteira L. Pelas vezes em que apenas procuramos viver bem possuindo muitas coisas para nosso prazer imediato e nos esquecemos dos valores da fraternidade e da justiça, nós vos pedimos perdão. 5

Cântico de entrada: Cristo Jesus, tu me chamaste. Introdução

Cântico de entrada: Cristo Jesus, tu me chamaste. Introdução Festa do Perdão Cântico de entrada: Cristo Jesus, tu me chamaste Cristo Jesus, tu me chamaste Eu te respondo: estou aqui! Tu me chamaste pelo meu nome Eu te respondo: estou aqui! Quero subir à montanha,

Leia mais

NOVENA A SÃO PEREGRINO: PROTETOR DOS DOENTES DE CÂNCER. Comentarista: Quem foi São Peregrino? São Peregrino, foi um frade da Ordem dos

NOVENA A SÃO PEREGRINO: PROTETOR DOS DOENTES DE CÂNCER. Comentarista: Quem foi São Peregrino? São Peregrino, foi um frade da Ordem dos NOVENA A SÃO PEREGRINO: PROTETOR DOS DOENTES DE CÂNCER Comentarista: Quem foi São Peregrino? São Peregrino, foi um frade da Ordem dos Servos de Maria e ficou conhecido como o protetor contra o câncer.

Leia mais

CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO

CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO SOBRE NÓS FAZEI BRILHAR O ESPLENDOR DE VOSSA FACE! 3 º DOMINGO DA PÁSCOA- ANO B 22 DE ABRIL DE 2012 ANIM: (Saudações espontâneas)

Leia mais

Entrada da Palavra: Comentário da Palavra: Permaneçamos em pé para acolher o Livro Santo de Nossa Fé, a Palavra de Deus, cantando.

Entrada da Palavra: Comentário da Palavra: Permaneçamos em pé para acolher o Livro Santo de Nossa Fé, a Palavra de Deus, cantando. Celebração de Encerramento PREPARAR 1. Bíblia e velas para a Procissão de Entrada da Palavra 2. Sementes de girassóis para cada catequista depositar num prato com terra diante do altar durante a homilia

Leia mais

Celebração Penitencial

Celebração Penitencial Celebração Penitencial Paróquia de Alvarelhos, 31 de Março de 2012 (O acolhimento será com a igreja quase às escuras e com música de fundo.) Música Inicial: Renasce Em Mim Se um dia ficasse sem ti, Olharia

Leia mais

FESTA DO Pai-Nosso. 1º ano. Igreja de S. José de S. Lázaro. 7 de Maio de 2005

FESTA DO Pai-Nosso. 1º ano. Igreja de S. José de S. Lázaro. 7 de Maio de 2005 FESTA DO Pai-Nosso Igreja de S. José de S. Lázaro 1º ano 1 7 de Maio de 2005 I PARTE O acolhimento será feito na Igreja. Cada criança ficará com os seus pais nos bancos destinados ao seu catequista. Durante

Leia mais

XV DOMINGO DO TEMPO COMUM

XV DOMINGO DO TEMPO COMUM XV DOMINGO DO TEMPO COMUM Jesus chamou os doze Apóstolos e começou a enviá-los dois a dois 1. Admonição de entrada 2. Entrada: Em nome do Pai Refrão: Em nome do Pai, em nome do Filho, em nome do Espírito

Leia mais

Catequese e adoração das crianças ao Santíssimo Sacramento

Catequese e adoração das crianças ao Santíssimo Sacramento Catequese e adoração das crianças ao Santíssimo Sacramento Paróquia de Calheiros, 1 e 2 de Março de 2008 Orientadas por: Luís Baeta CÂNTICOS E ORAÇÕES CÂNTICOS CRISTO VIVE EM MIM Cristo vive em mim, que

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DOS COLABORADORES DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO ANTONIO PEDRO -ACHUAP-

ASSOCIAÇÃO DOS COLABORADORES DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO ANTONIO PEDRO -ACHUAP- 1 ASSOCIAÇÃO DOS COLABORADORES DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO ANTONIO PEDRO -ACHUAP- DIA 15.06.2010 MOMENTO ORANTE ECUMÊNICO PELA PASSAGEM DO 59º ANIVERSÁRIO DA ACHUAP (para propiciar momento de silêncio e

Leia mais

A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa.

A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa. Encontro com a Palavra Agosto/2011 Mês de setembro, mês da Bíblia 1 encontro Nosso Deus se revela Leitura Bíblica: Gn. 12, 1-4 A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa. Boas

Leia mais

Celebração Comunitária do SACRAMENTO DO BAPTISMO

Celebração Comunitária do SACRAMENTO DO BAPTISMO Celebração Comunitária do SACRAMENTO DO BAPTISMO O Baptismo, porta da vida e do reino, é o primeiro sacramento da nova lei, que Cristo propôs a todos para terem a vida eterna, e, em seguida, confiou à

Leia mais

Solenidade da Assunção de Nª Senhora. Ano B

Solenidade da Assunção de Nª Senhora. Ano B Solenidade da Assunção de Nª Senhora Admonição Inicial Cântico Inicial (Tu és o Sol) Refrão: Tu és o sol de um novo amanhecer! Tu és farol, a vida a renascer Maria! Maria! És poema de amor! És minha Mãe

Leia mais

Missa - 10/5/2015. Entrada

Missa - 10/5/2015. Entrada Missa - 10/5/2015 ntrada m F#m 1. Todos unidos formamos um só corpo, um povo que na Páscoa nasceu. G Membros de Cristo, no sangue redimidos, Igreja peregrina de eus. m F#m Vive conosco a força do spírito,

Leia mais

I. RITOS INICIAIS. Procissão de Entrada Largheto (Haendel)

I. RITOS INICIAIS. Procissão de Entrada Largheto (Haendel) I. RITOS INICIAIS Procissão de Entrada Largheto (Haendel).: Cântico de Entrada :. [Encenação: conforme se cantam as estrofes, vão aparecendo os seguintes símbolos correspondentes ao texto de cada estrofe,

Leia mais

CELEBRAÇÃO DA FESTA DA PALAVRA

CELEBRAÇÃO DA FESTA DA PALAVRA PARÓQUIA DE SANTA MARIA DE BORBA CELEBRAÇÃO DA FESTA DA PALAVRA Feliz o homem que ama a Palavra do Senhor e Nela medita dia e noite (Sl 1, 1-2) 4º ANO da CATEQUESE 17 de Janeiro de 09 ENTRADA PROCESSIONAL

Leia mais

Cântico: Dá-nos um coração

Cântico: Dá-nos um coração Cântico: Dá-nos um coração Refrão: Dá-nos um coração, grande para amar, Dá-nos um coração, forte para lutar. 1. Homens novos, criadores da história, construtores da nova humanidade; homens novos que vivem

Leia mais

Aprovado pela Diocese Anglicana de Recife

Aprovado pela Diocese Anglicana de Recife RITO EUCARÍSTICO DE CAAPORÃ Em forma de literatura de Cordel Aprovado pela Diocese Anglicana de Recife CANTO DE ENTRADA Venham todos e louvemos / com muita sinceridade A eterna aliança / Sacramento de

Leia mais

Glória! Glória! Glória! Glória ao Senhor! Glória pelos séculos sem fim!

Glória! Glória! Glória! Glória ao Senhor! Glória pelos séculos sem fim! Page 1 of 6 GUIÃO DA CELEBRAÇÃO DA 1ª COMUNHÃO 2006 Ambientação Irmãos: Neste Domingo, vamos celebrar e viver a Eucaristia com mais Fé e Amor e também de uma maneira mais festiva, já que é o dia da Primeira

Leia mais

CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA

CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA Congregação das Irmãs Missionárias de São Carlos B. Scalabrinianas Centro de Estudos Migratórios Cristo Rei-CEMCREI Rua Castro Alves, 344 90430-130 Porto Alegre-RS cemcrei@cpovo.net www.cemcrei.org.br

Leia mais

Lausperene. Senhor Jesus, Eu creio que estais presente no pão da Eucaristia. Senhor, eu creio em Vós.

Lausperene. Senhor Jesus, Eu creio que estais presente no pão da Eucaristia. Senhor, eu creio em Vós. Lausperene Cântico: Dá-nos um coração Refrão: Dá-nos um coração, grande para amar, Dá-nos um coração, forte para lutar. 1. Homens novos, criadores da história, construtores da nova humanidade; homens novos

Leia mais

Adoração ao Santíssimo Sacramento. Catequese Paroquial de Nossa Senhora da Lapa. 4 de Março de 2014

Adoração ao Santíssimo Sacramento. Catequese Paroquial de Nossa Senhora da Lapa. 4 de Março de 2014 Adoração ao Santíssimo Sacramento Catequese Paroquial de Nossa Senhora da Lapa 4 de Março de 2014 Leitor: Quando nós, cristãos, confessamos a Trindade de Deus, queremos afirmar que Deus não é um ser solitário,

Leia mais

I DOMINGO DA QUARESMA

I DOMINGO DA QUARESMA I DOMINGO DA QUARESMA LITURGIA DA PALAVRA / I Gen 2, 7-9; 3, 1-7 Leitura do Livro do Génesis O Senhor Deus formou o homem do pó da terra, insuflou em suas narinas um sopro de vida, e o homem tornou-se

Leia mais

OS VALORES DO REINO DE DEUS É A VERDADEIRA SABEDORIA

OS VALORES DO REINO DE DEUS É A VERDADEIRA SABEDORIA Ano A - XXIV - Nº 1464-17º Domingo do Tempo Comum - cor verde - 27/07/2014 OS VALORES DO REINO DE DEUS É A VERDADEIRA SABEDORIA Preparar o espaço celebrativo colocando em destaque um símbolo do dízimo

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLIX- Brasília, 23 de fevereiro de 2014 - Nº 15 SÉTIMO DOMINGO DO TEMPO COMUM Cor Litúrgica: Verde INTRODUÇÃO Com.: Irmãos amados, nesta Páscoa

Leia mais

Catequese nº 13 (4º Catecismo) Jesus presente no irmão. Jorge Esteves

Catequese nº 13 (4º Catecismo) Jesus presente no irmão. Jorge Esteves Catequese nº 13 (4º Catecismo) Jesus presente no irmão Jorge Esteves Objectivos 1. Reconhecer que Jesus se identifica com os irmãos, sobretudo com os mais necessitados (interpretação e embora menos no

Leia mais

RENOVAÇÃO CARISMÁTICA CATÓLICA DO TOCANTINS MINISTÉRIO DE MÚSICA E ARTES INSTRUÇÃO PARA MÚSICA LITÚRGICA NOS EVENTOS DA RCC 1

RENOVAÇÃO CARISMÁTICA CATÓLICA DO TOCANTINS MINISTÉRIO DE MÚSICA E ARTES INSTRUÇÃO PARA MÚSICA LITÚRGICA NOS EVENTOS DA RCC 1 RENOVAÇÃO CARISMÁTICA CATÓLICA DO TOCANTINS MINISTÉRIO DE MÚSICA E ARTES INSTRUÇÃO PARA MÚSICA LITÚRGICA NOS EVENTOS DA RCC 1 1) O lugar do Ministério de Música Para começar, vamos falar dos cantores do

Leia mais

3. Nossa Pátria, vem iluminar! Nossas crianças, vem iluminar! Todo este povo, vem iluminar! Os nossos jovens, vem iluminar.

3. Nossa Pátria, vem iluminar! Nossas crianças, vem iluminar! Todo este povo, vem iluminar! Os nossos jovens, vem iluminar. ACOLHIDA COMENTARISTA: Irmãos e irmãos sejam todos bem vindos. Segundo nosso marco referencial, a PUC é um centro de reflexão e estudo. Sua identidade é fundamentada na pedagogia marista e na concepção

Leia mais

LITURGIA DE ENTRADA. Prelúdio: Os passarinhos

LITURGIA DE ENTRADA. Prelúdio: Os passarinhos Prelúdio: Os passarinhos LITURGIA DE ENTRADA (Oração silenciosa individual) Acolhida: L: Jesus disse: Eu vim para servir. E Pedro falou: Servi uns aos outros, cada um conforme o dom que recebeu. Bom dia

Leia mais

Explicação da Missa MISSA

Explicação da Missa MISSA Explicação da Missa Reunidos todos os catequizandos na Igreja, num primeiro momento mostram-se os objetos da missa, ensinam-se os gestos e explicam-se os ritos. Em seguida celebra-se a missa sem interrupção.

Leia mais

CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA

CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA ACOLHIDA Com.: Em comunidade estamos reunidos diante de Deus, na presença de nossos familiares, professores e amigos, para celebrar a missa de nossa formatura. Sentimentos de gratidão,

Leia mais

Oração ao finalizar o Ano 2015

Oração ao finalizar o Ano 2015 Oração ao finalizar o Ano 2015 QUE SEU AMOR SE EXTENDA POR TODA A TERRA Reunimos em oração no último dia do Ano para dar graças a Deus por tantos dons recebidos pessoalmente, na família, na comunidade,

Leia mais

RITOS INICIAIS. 32 não como a aliança que fiz com seus pais, quando os tomei pela mão para retirá-los da terra do Egito, e

RITOS INICIAIS. 32 não como a aliança que fiz com seus pais, quando os tomei pela mão para retirá-los da terra do Egito, e O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 22 de março de 2015 - Nº 19 QUINTO DOMINGO DA QUARESMA CAMPANHA DA FRATERNIDADE - FRATERNIDADE: IGREJA E SOCIEDADE. Cor Litúrgica:

Leia mais

1-SANTÍSSIMA TRINDADE

1-SANTÍSSIMA TRINDADE Ordinário 1-SANTÍSSIMA TRINDADE A E7 A A7 D BM A E7 A EM NOME DO PAI, EM NOME DO FILHO, EM NOME DO ESPÍRITO SANTO, ESTAMOS AQUI. (BIS) D E C#M F#M BM E7 A D E C#M F#M PARA LOUVAR E AGRADECER, BENDIZER

Leia mais

O Canto Litúrgico. Como escolher os cantos para nossas celebrações?

O Canto Litúrgico. Como escolher os cantos para nossas celebrações? O Canto Litúrgico Como escolher os cantos para nossas celebrações? O que é Liturgia? Liturgia é antes de tudo "serviço do povo", essa experiência é fruto de uma vivencia fraterna, ou seja, é o culto, é

Leia mais

1915-2015 SUBSÍDIOS E HORA SANTA. Por ocasião dos 100 anos do MEJ MEJ BRASIL. 1º ROTEIRO PAZ Dom e compromisso para viver melhor!

1915-2015 SUBSÍDIOS E HORA SANTA. Por ocasião dos 100 anos do MEJ MEJ BRASIL. 1º ROTEIRO PAZ Dom e compromisso para viver melhor! 1º ROTEIRO PAZ Dom e compromisso para viver melhor! 2º ROTEIRO EUCARISTIA Mistério Pascal celebrado na comunidade de fé! 3º ENCONTRO EVANGELHO Amor para anunciar e transformar o mundo! 1915-2015 SUBSÍDIOS

Leia mais

COMISSÃO BÍBLICA PASTORAL 1º DOMINGO DO ADVENTO ANO B

COMISSÃO BÍBLICA PASTORAL 1º DOMINGO DO ADVENTO ANO B COMISSÃO BÍBLICA PASTORAL 1º DOMINGO DO ADVENTO ANO B Tema: Ficai atentos, pois não sabeis quando chegará o momento. Acolhida: Sejam todos bem-vindos. Vamos refletir e rezar em comunidade, acolhendo a

Leia mais

7 E o Espírito é o que dá testemunho, porque o Espírito é a verdade. 8 Porque três são os que dão testemunho: o Espírito, e a água, e o sangue; e

7 E o Espírito é o que dá testemunho, porque o Espírito é a verdade. 8 Porque três são os que dão testemunho: o Espírito, e a água, e o sangue; e I João 1 1 O que era desde o princípio, o que ouvimos, o que vimos com os nossos olhos, o que contemplamos e as nossas mãos apalparam, a respeito do Verbo da vida 2 (pois a vida foi manifestada, e nós

Leia mais

CULTO DE ABERTURA DO SEMESTRE FACULDADES EST- 24/02/2013 2 º DOMINGO DE QUARESMA LITURGIA DE ENTRADA

CULTO DE ABERTURA DO SEMESTRE FACULDADES EST- 24/02/2013 2 º DOMINGO DE QUARESMA LITURGIA DE ENTRADA CULTO DE ABERTURA DO SEMESTRE FACULDADES EST- 24/02/2013 2 º DOMINGO DE QUARESMA LITURGIA DE ENTRADA Assim nós invocamos a presença de Deus Pai, Filho e Espírito Santo. Amém. Hino: HPD II 330 Abraço de

Leia mais

Jubileu de Prata 25 ANOS

Jubileu de Prata 25 ANOS Congregação das Irmãs Missionárias de São Carlos B. Scalabrinianas Centro de Estudos Migratórios Cristo Rei-CEMCREI Rua Castro Alves, 344 90430-130 Porto Alegre-RS cemcrei@cpovo.net www.cemcrei.org.br

Leia mais

Instituição e Renovação de Ministérios Extraordinários na Diocese

Instituição e Renovação de Ministérios Extraordinários na Diocese Instituição e Renovação de Ministérios Extraordinários na Diocese 1. RITO DE INSTITUIÇÃO DOS MINISTROS(AS) DA COMUNHÃO Diácono: Queiram levantar-se os que receberão o mandato de Ministros Extraordinários

Leia mais

DOMINGO VII DA PÁSCOA. Vésperas I

DOMINGO VII DA PÁSCOA. Vésperas I DOMINGO VII DA PÁSCOA (Onde a solenidade da Ascensão não é transferida para este Domingo). Semana III do Saltério Hi n o. Vésperas I Sa l m o d i a Salmos e cântico do Domingo III. Ant. 1 Elevado ao mais

Leia mais

O POVO DE DEUS ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Brasília, 19 de junho de 2014 SOLENIDADE DO SANTÍSSIMO CORPO E SANGUE DE CRISTO Cor Litúrgica: Branco

O POVO DE DEUS ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Brasília, 19 de junho de 2014 SOLENIDADE DO SANTÍSSIMO CORPO E SANGUE DE CRISTO Cor Litúrgica: Branco O POVO DE DEUS ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Brasília, 19 de junho de 2014 SOLENIDADE DO SANTÍSSIMO CORPO E SANGUE DE CRISTO Cor Litúrgica: Branco INTRODUÇÃO Com: Meus irmãos, hoje, celebramos a Solenidade

Leia mais

CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo. CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo

CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo. CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo Tens uma tarefa importante para realizar: 1- Dirige-te a alguém da tua confiança. 2- Faz a pergunta: O que admiras mais em Jesus? 3- Regista a resposta nas linhas.

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 01 de fevereiro de 2015 - Nº 12 QUARTO DOMINGO DO TEMPO COMUM Cor Litúrgica: Verde Animador: Irmãos, quando somos alcançados pela

Leia mais

A Regra daterceira Ordem da Sociedade de São Francisco iii) Ordem para Admissões e Renovações I. O CONVITE

A Regra daterceira Ordem da Sociedade de São Francisco iii) Ordem para Admissões e Renovações I. O CONVITE A Regra daterceira Ordem da Sociedade de São Francisco iii) Ordem para Admissões e Renovações como ordenado pelo Capítulo Interprovincial da Terceira Ordem na Revisão Constitucional de 1993, e subseqüentemente

Leia mais

Os Sacramentos estão presentes em cada fase da vida do Cristão

Os Sacramentos estão presentes em cada fase da vida do Cristão Os Sacramentos estão presentes em cada fase da vida do Cristão A vida litúrgica começa muito cedo. Os Sacramentos são conhecidos como encontros pessoais com Cristo. Também são vistos como sinais da salvação.

Leia mais

(DO LIVRO AS FESTAS DA CATEQUESE PEDROSA FERREIRA) Material a preparar: -Um grande coração de cartolina. -Marcadores de várias cores

(DO LIVRO AS FESTAS DA CATEQUESE PEDROSA FERREIRA) Material a preparar: -Um grande coração de cartolina. -Marcadores de várias cores (DO LIVRO AS FESTAS DA CATEQUESE PEDROSA FERREIRA) Material a preparar: -Um grande coração de cartolina -Marcadores de várias cores -Folhas cada qual com a sua letra ocantinhodasao.com.pt/public_html Página

Leia mais

A grande refeição é aquela que fazemos em torno da Mesa da Eucaristia.

A grande refeição é aquela que fazemos em torno da Mesa da Eucaristia. EUCARISTIA GESTO DO AMOR DE DEUS Fazer memória é recordar fatos passados que animam o tempo presente em rumo a um futuro melhor. O povo de Deus sempre procurou recordar os grandes fatos do passado para

Leia mais

Vivendo a Liturgia Ano A

Vivendo a Liturgia Ano A Vivendo a Liturgia Junho/2011 Vivendo a Liturgia Ano A SOLENIDADE DA ASCENSÃO DO SENHOR (05/06/11) A cor litúrgica continua sendo a branca. Pode-se preparar um mural com uma das frases: Ide a anunciai

Leia mais

1ª Carta de João. A Palavra da Vida. Deus é luz. Nós somos pecadores. Cristo, nosso defensor junto a Deus

1ª Carta de João. A Palavra da Vida. Deus é luz. Nós somos pecadores. Cristo, nosso defensor junto a Deus 1ª Carta de João A Palavra da Vida 1 1 O que era desde o princípio, o que ouvimos, o que vimos com os nossos olhos, o que contemplamos e o que as nossas mãos apalparam da Palavra da Vida 2 vida esta que

Leia mais

Quero estar preparado para Te abrir a porta, Senhor. Quero estar preparado para Te abrir a porta, Senhor. Mostra-me o Teu amor, dá-me a Tua salvação.

Quero estar preparado para Te abrir a porta, Senhor. Quero estar preparado para Te abrir a porta, Senhor. Mostra-me o Teu amor, dá-me a Tua salvação. I Domingo do Advento I Domingo do Advento Quero estar preparado para Te abrir a porta, Senhor. Mostra-me o Teu amor, dá-me a Tua salvação. Podes contar comigo. Estou atento para Te escutar e para que tenhas

Leia mais

NOVENA DE NATAL 2015. O Natal e a nossa realidade. A jovem concebeu e dará à luz um filho, e o chamará pelo nome de Emanuel.

NOVENA DE NATAL 2015. O Natal e a nossa realidade. A jovem concebeu e dará à luz um filho, e o chamará pelo nome de Emanuel. NOVENA DE NATAL 2015 O Natal e a nossa realidade A jovem concebeu e dará à luz um filho, e o chamará pelo nome de Emanuel. (Is 7,14) APRESENTAÇÃO O Natal se aproxima. Enquanto renovamos a esperança de

Leia mais

Personal Commitment Guide. Guia de Compromisso Pessoal

Personal Commitment Guide. Guia de Compromisso Pessoal Personal Commitment Guide Guia de Compromisso Pessoal Nome da Igreja ou Evento Nome do Conselheiro Telefone 1. Salvação >Você já atingiu um estágio na vida em que você tem a certeza da vida eterna e que

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 26 de abril de 2015 - Nº 28 QUARTO DOMINGO DA PÁSCOA Cor Litúrgica: Branco

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 26 de abril de 2015 - Nº 28 QUARTO DOMINGO DA PÁSCOA Cor Litúrgica: Branco O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 26 de abril de 2015 - Nº 28 QUARTO DOMINGO DA PÁSCOA Cor Litúrgica: Branco 1 Animador: Meus irmãos, Jesus é o Bom Pastor por excelência,

Leia mais

Preparativos: Uma cruz grande; a Bíblia, velas e duas ou mais bacias com água; um presidente, dois leitores e um comentarista.

Preparativos: Uma cruz grande; a Bíblia, velas e duas ou mais bacias com água; um presidente, dois leitores e um comentarista. Preparativos: Uma cruz grande; a Bíblia, velas e duas ou mais bacias com água; um presidente, dois leitores e um comentarista. COMENTARISTA: Bem-vindos, irmãos e irmãs! Juntos nos colocamos diante da misericórdia

Leia mais

ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO

ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO PROFISSÃO DE FÉ AMBIENTAÇÃO Irmãos, celebramos hoje o Domingo de Pentecostes, dia por excelência da manifestação do Espírito Santo a toda a Igreja. O Espírito manifesta-se onde quer, como quer e a quem

Leia mais

ORAÇÃO EM FAMÍLIA Quaresma e Tempo Pascal

ORAÇÃO EM FAMÍLIA Quaresma e Tempo Pascal 1 PARÓQUIA DE Nª SRª DA CONCEIÇÃO, MATRIZ DE PORTIMÃO ORAÇÃO EM FAMÍLIA Quaresma e Tempo Pascal (O Ícone da Sagrada Família deve ser colocado na sala, num lugar de relevo e devidamente preparado com uma

Leia mais

CELEBRAÇÃO ARCIPRESTAL DA EUCARISTIA EM ANO DA FÉ

CELEBRAÇÃO ARCIPRESTAL DA EUCARISTIA EM ANO DA FÉ CELEBRAÇÃO ARCIPRESTAL DA EUCARISTIA EM ANO DA FÉ SEIA 23 DE JUNHO 2013 ENTRADA NÓS SOMOS AS PEDRAS VIVAS DO TEMPLO DO SENHOR, NÓS SOMOS AS PEDRAS VIVAS DO TEMPLO DO SENHOR, POVO SACERDOTAL, IGREJA SANTA

Leia mais

Toda bíblia é comunicação

Toda bíblia é comunicação Toda bíblia é comunicação Toda bíblia é comunicação de um Deus amor, de um Deus irmão. É feliz quem crê na revelação, quem tem Deus no coração. Jesus Cristo é a palavra, pura imagem de Deus Pai. Ele é

Leia mais

Ano B n o 52 13 de setembro de 2015 24 o Domingo do Tempo Comum

Ano B n o 52 13 de setembro de 2015 24 o Domingo do Tempo Comum Ano B n o 52 13 de setembro de 2015 24 o Domingo do Tempo Comum Cortesia da Editora Nossa Senhora da Paz Ano B n o 52 13 de setembro de 2015 24 o Domingo do Tempo Comum Ritos Iniciais 1. Canto de Entrada

Leia mais

SOLENIDADE DO NASCIMENTO DE JESUS CRISTO 25 DE DEZEMBRO DE 2015. Paróquia de S. João Baptista de Vila do Conde Eucaristia dinamizada pelos catequistas

SOLENIDADE DO NASCIMENTO DE JESUS CRISTO 25 DE DEZEMBRO DE 2015. Paróquia de S. João Baptista de Vila do Conde Eucaristia dinamizada pelos catequistas SOLENIDADE DO NASCIMENTO DE JESUS CRISTO 25 DE DEZEMBRO DE 2015 Admonição de entrada [Matilde Carvalho] Entrada: toca o Sino Toca o sino pequenino Sino de Belém Já nasceu o Deus menino Para o nosso bem

Leia mais

Manual de Respostas do Álbum Líturgico- catequético No Caminho de Jesus [Ano B 2015]

Manual de Respostas do Álbum Líturgico- catequético No Caminho de Jesus [Ano B 2015] 1 Manual de Respostas do Álbum Líturgico- catequético No Caminho de Jesus [Ano B 2015] Página 9 Na ilustração, Jesus está sob a árvore. Página 10 Rezar/orar. Página 11 Amizade, humildade, fé, solidariedade,

Leia mais

TOMADA DE POSSE DO NOVO PÁROCO - CELEBRAÇÃO (cf. Cerimonial dos Bispos, nn. 1185-1198) DIOCESE DE CRUZEIRO DO SUL AC/AM

TOMADA DE POSSE DO NOVO PÁROCO - CELEBRAÇÃO (cf. Cerimonial dos Bispos, nn. 1185-1198) DIOCESE DE CRUZEIRO DO SUL AC/AM Página 1 TOMADA DE POSSE DO NOVO PÁROCO - CELEBRAÇÃO (cf. Cerimonial dos Bispos, nn. 1185-1198) DIOCESE DE CRUZEIRO DO SUL AC/AM 01. Canto de Entrada 02. Saudação inicial do celebrante presidente 03. Leitura

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 1 de janeiro de 2015 - Nº 7 SOLENIDADE DA SANTA MÃE DE DEUS, MARIA Cor Litúrgica: Branco Animador: Irmãos: no primeiro dia do

Leia mais

IV FÓRMULAS DE BÊNÇÃO PARA LAUDES E VÉSPERAS

IV FÓRMULAS DE BÊNÇÃO PARA LAUDES E VÉSPERAS IV FÓRMULAS DE BÊNÇÃO PARA LAUDES E VÉSPERAS I. Nas celebrações do Tempo Advento Deus omnipotente e misericordioso, que vos dá a graça de comemorar na fé a primeira vinda do seu Filho Unigénito e de esperar

Leia mais

Celebrante: Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Assembleia: Ámen. Assembleia: Bendito seja Deus, que nos reuniu no amor de Cristo

Celebrante: Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Assembleia: Ámen. Assembleia: Bendito seja Deus, que nos reuniu no amor de Cristo XIV Domingo do Tempo Comum 05.07.2009 FESTA DA PALAVRA Cântico de Entrada: - RITOS INICIAIS - Celebrante: Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo Assembleia: Ámen. Celebrante: A graça de Nosso Senhor

Leia mais

SE SOUBERMOS PERDOAR Ó CARA IRMÃ CLARA, SE SOUBERMOS PERDOAR

SE SOUBERMOS PERDOAR Ó CARA IRMÃ CLARA, SE SOUBERMOS PERDOAR CANTO 1 - LOUVOR DA CRIAÇÃO D Bm G Em A7 D Bm G Em A7 Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia! D F#m G Em A7 1. Javé o nosso Deus é poderoso, seu nome é grande em todas as nações D F#m G Em A7 Na boca das crianças

Leia mais

Bíblia Sagrada N o v o T e s t a m e n t o P r i m e i r a E p í s t o l a d e S ã o J o ã o virtualbooks.com.br 1

Bíblia Sagrada N o v o T e s t a m e n t o P r i m e i r a E p í s t o l a d e S ã o J o ã o virtualbooks.com.br 1 Bíblia Sagrada Novo Testamento Primeira Epístola de São João virtualbooks.com.br 1 Capítulo 1 1 O que era desde o princípio, o que temos ouvido, o que temos visto com os nossos olhos, o que temos contemplado

Leia mais

Ano B n o 64 22 de novembro de 2015 Nosso Senhor Jesus Cristo, Rei do Universo 34 o Domingo do Tempo Comum Solenidade

Ano B n o 64 22 de novembro de 2015 Nosso Senhor Jesus Cristo, Rei do Universo 34 o Domingo do Tempo Comum Solenidade Ano B n o 64 22 de novembro de 2015 Nosso Senhor Jesus Cristo, Rei do Universo 34 o Domingo do Tempo Comum Solenidade Cortesia da Editora Nossa Senhora da Paz Ano B n o 64 22 de novembro de 2015 Nosso

Leia mais

CELEBRAÇÃO DO MATRIMÓNIO

CELEBRAÇÃO DO MATRIMÓNIO CELEBRAÇÃO DO MATRIMÓNIO Assinatura do Registo A assinatura do Registo será colocada na Liturgia, conforme prática local ou critério do Oficiante. Celebração da Santa Ceia No caso de ser pedida a Celebração

Leia mais

V DOMINGO DO TEMPO COMUM ANO B

V DOMINGO DO TEMPO COMUM ANO B CUROU MUITAS PESSOAS ATORMENTADAS POR VÁRIAS DOENÇAS V DOMINGO DO TEMPO COMUM ANO B EUCARISTIA 19H DINAMIZAÇÃO DO 8º ANO DE CATEQUESE IGREJA MATRIZ DE VILA DO CONDE Cântico Inicial Já se ouvem nossos passos

Leia mais

CELEBRAÇÃO PARA O DIA DO CATEQUISTA 2014

CELEBRAÇÃO PARA O DIA DO CATEQUISTA 2014 CELEBRAÇÃO PARA O DIA DO CATEQUISTA 2014 NO CAMINHO DO DISCIPULADO MISSIONÁRIO, A EXPERIÊNCIA DO ENCONCONTRO: TU ÉS O MESSIAS, O FILHO DO DEUS VIVO INTRODUÇÃO Queridos/as Catequistas! Com nossos cumprimentos

Leia mais

Mateus 4, 1-11. Respondeu-lhe Jesus: «Vai-te, Satanás, pois está escrito: Ao Senhor, teu Deus, adorarás e só a Ele prestarás culto.

Mateus 4, 1-11. Respondeu-lhe Jesus: «Vai-te, Satanás, pois está escrito: Ao Senhor, teu Deus, adorarás e só a Ele prestarás culto. Mateus 4, 1-11 Respondeu-lhe Jesus: «Vai-te, Satanás, pois está escrito: Ao Senhor, teu Deus, adorarás e só a Ele prestarás culto.». Este caminho de 40 dias de jejum, de oração, de solidariedade, vai colocar-te

Leia mais

SOLENIDADE DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO REI DO UNIVERSO

SOLENIDADE DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO REI DO UNIVERSO Ano A - XXIV - Nº 1482-34º Domingo do Tempo Comum - cor branca ou dourada - 23/11/2014 SOLENIDADE DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO REI DO UNIVERSO Dia Nacional dos Leigos(as) Preparar o espaço celebrativo

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLVII - Brasília, 03 de junho de 2012 - Nº 32 SOLENIDADE DA SANTÍSSIMA TRINDADE Cor Litúrgica: Branco 1 INTRODUÇÃO Meus irmãos, Jesus revelou-nos

Leia mais

COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MISSA DO DIA DOS PAIS

COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MISSA DO DIA DOS PAIS COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MISSA DO DIA DOS PAIS RITOS INICIAIS ANIM.: Celebramos hoje a Eucaristia, ação de graças a Deus, nosso Pai, por todos os pais do colégio.

Leia mais

A Bíblia é para nós, cristãos, o ponto de referência de nossa fé, uma luz na caminhada de nossa vida.

A Bíblia é para nós, cristãos, o ponto de referência de nossa fé, uma luz na caminhada de nossa vida. LITURGIA DA PALAVRA A Palavra de Deus proclamada e celebrada - na Missa - nas Celebrações dos Sacramentos (Batismo, Crisma, Matrimônio...) A Bíblia é para nós, cristãos, o ponto de referência de nossa

Leia mais

Dá-me de beber! João 4,7

Dá-me de beber! João 4,7 SEMANA DE ORAÇÃO PELA UNIDADE DOS CRISTÃOS 18 a 25 Janeiro de 2015 Dá-me de beber! João 4,7 CONSELHO PORTUGUÊS DE IGREJAS CRISTÃS COMISSÃO EPISCOPAL MISSÃO E NOVA EVANGELIZAÇÃO CELEBRAÇÃO DE CULTO ECUMÉNICO

Leia mais

O que encobre as suas transgressões jamais prosperará; mas o que as confessa e deixa alcançará misericórdia. (Prov. 28:13)

O que encobre as suas transgressões jamais prosperará; mas o que as confessa e deixa alcançará misericórdia. (Prov. 28:13) CONFISSÃO E ARREPENDIMENTO O que encobre as suas transgressões jamais prosperará; mas o que as confessa e deixa alcançará misericórdia. (Prov. 28:13) A consequência natural do arrependimento é a confissão.

Leia mais

HINOS DE DESPACHO. www.hinarios.org 01 O DAIME É O DAIME. O Daime é o Daime Eu estou afirmando É o divino pai eterno E a rainha soberana

HINOS DE DESPACHO. www.hinarios.org 01 O DAIME É O DAIME. O Daime é o Daime Eu estou afirmando É o divino pai eterno E a rainha soberana HINOS DE DESPACHO Tema 2012: Flora Brasileira Estrela D Alva www.hinarios.org 1 2 01 O DAIME É O DAIME O é o Eu estou afirmando É o divino pai eterno E a rainha soberana O é o O professor dos professores

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 11 de janeiro de 2015 - Nº 9 FESTA DO BATISMO DO SENHOR Cor Litúrgica: branco 1 Animador: Meus irmãos, o Batismo de Jesus marca

Leia mais

Vinho Novo Viver de Verdade

Vinho Novo Viver de Verdade Vinho Novo Viver de Verdade 1 - FILHOS DE DEUS - BR-LR5-11-00023 LUIZ CARLOS CARDOSO QUERO SUBIR AO MONTE DO SENHOR QUERO PERMANECER NO SANTO LUGAR QUERO LEVAR A ARCA DA ADORAÇÃO QUERO HABITAR NA CASA

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 31 de maio de 2015 - Nº 33 SOLENIDADE DA SANTÍSSIMA TRINDADE Cor Litúrgica: Branco Animador Meus irmãos, nesta Solenidade da Santíssima

Leia mais

APRESENTAÇÃO DAS CRIANÇAS NA IGREJA PARA A CATEQUESE

APRESENTAÇÃO DAS CRIANÇAS NA IGREJA PARA A CATEQUESE APRESENTAÇÃO DAS CRIANÇAS NA IGREJA PARA A CATEQUESE GIOTTO, Apresentação de Jesus no Templo DUCCIO, Jesus entre os doutores do Templo Paróquias: Senhor Jesus dos Aflitos Cristo Rei de Algés 2014 1 1.

Leia mais

JESUS CRISTO PADECEU SOB PÔNCIO PILATOS, FOI CRUCIFICADO, MORTO E SEPULTADO

JESUS CRISTO PADECEU SOB PÔNCIO PILATOS, FOI CRUCIFICADO, MORTO E SEPULTADO JESUS CRISTO PADECEU SOB PÔNCIO PILATOS, FOI CRUCIFICADO, MORTO E SEPULTADO 25-02-2012 Catequese com adultos 11-12 Chave de Bronze Como se deu a entrada messiânica em Jerusalém? No tempo estabelecido,

Leia mais

Oração 1. Senhor, fazei de mim um instrumento de vossa paz!

Oração 1. Senhor, fazei de mim um instrumento de vossa paz! Oração 1 Senhor, fazei de mim um instrumento de vossa paz! Onde houver ódio, que eu leve o amor; Onde houver ofensa, que eu leve o perdão; Onde houver discórdia, que eu leve a união; Onde houver dúvida,

Leia mais

MISSA DE ABERTURA DA CATEQUESE

MISSA DE ABERTURA DA CATEQUESE MISSA DE ABERTURA DA CATEQUESE XXV domingo do tempo comum 23/09/2012 Igreja de Cedofeita ENTRADA Eu vi meu Deus e Senhor, aleluia, aleluia. Cantai ao amor, cantai, aleluia, aleluia. ADMONIÇÃO DE ENTRADA

Leia mais

CANTOS DA MDJ CIFRADOS

CANTOS DA MDJ CIFRADOS CANTOS DA MDJ CIFRADOS HINO DA MDJ D Bm G A Juventude força do amor, faz da vida uma oração D Bm G A Ser discípulo do Senhor, enviado em missão F#m Bm 1- Quer a vida, vida de Deus F#m Bm Seus caminhos

Leia mais

Direitos reservados Domingos Sávio Rodrigues Alves Uso gratuito, permitido sob a licença Creative Commons 1

Direitos reservados Domingos Sávio Rodrigues Alves Uso gratuito, permitido sob a licença Creative Commons 1 1 O caminho da harmonia. Colossenses 3 e 4 Col 3:1-3 Introdução: Portanto, já que vocês ressuscitaram com Cristo, procurem as coisas que são do alto, onde Cristo está assentado à direita de Deus. Mantenham

Leia mais

QUEM EM MIM PERMANECE, ESSE DÁ MUITO FRUTO

QUEM EM MIM PERMANECE, ESSE DÁ MUITO FRUTO Ano A - XXIV - Nº 1481-33º Domingo do Tempo Comum - cor verde - 16/11/2014 QUEM EM MIM PERMANECE, ESSE DÁ MUITO FRUTO 1. ACOLHIDA Preparar um cartaz ou painel contendo dons existentes na comunidade, colocando-o

Leia mais

O que é Batismo? > É o sacramento pelo qual renascemos para a vida divina e nos tornamos filhos de Deus. Sacramento da iniciação a vida Cristã;

O que é Batismo? > É o sacramento pelo qual renascemos para a vida divina e nos tornamos filhos de Deus. Sacramento da iniciação a vida Cristã; Pastoral do Batismo Sacramentos Batismo O que é Batismo? > É o sacramento pelo qual renascemos para a vida divina e nos tornamos filhos de Deus. Sacramento da iniciação a vida Cristã; Consiste em derramar

Leia mais

Cântico: Em nome do Pai. Celebrante: O Senhor esteja convosco Assembleia: Ele está no meio de nós.

Cântico: Em nome do Pai. Celebrante: O Senhor esteja convosco Assembleia: Ele está no meio de nós. Acende a 3 vela (Samuel Estaço) Cântico: Em nome do Pai Em nome do Pai Em nome do Filho Em nome do Espírito Santo Estamos aqui. (bis) Oração depois da comunhão - RITOS DE CONCLUSÃO - Celebrante: Ao professarmos

Leia mais

Tens Palavras de Vida Eterna

Tens Palavras de Vida Eterna Catequese 40ano Tens Palavras de Vida Eterna Agenda da Palavra de Deus pela minha vida fora ANO A Durante as férias, mantenho-me em contato! CONTATOS DA PARÓQUIA Morada: Telefone: Correio eletrónico: Sítio:

Leia mais

JESUS CRISTO FOI CONCEBIDO PELO PODER DO ESPÍRITO SANTO, E NASCEU DA VIRGEM MARIA (CONT)

JESUS CRISTO FOI CONCEBIDO PELO PODER DO ESPÍRITO SANTO, E NASCEU DA VIRGEM MARIA (CONT) JESUS CRISTO FOI CONCEBIDO PELO PODER DO ESPÍRITO SANTO, E NASCEU DA VIRGEM MARIA (CONT) 11-02-2012 Catequese com adultos 11-12 Chave de Bronze Em que sentido toda a vida de Cristo é Mistério? Toda a vida

Leia mais

OUTRAS ORAÇÕES PAI NOSSO ORAÇÃO A SÃO JERÔNIMO. Pai nosso que estais nos céus. Santificado seja o vosso nome. Venha a nós o vosso reino

OUTRAS ORAÇÕES PAI NOSSO ORAÇÃO A SÃO JERÔNIMO. Pai nosso que estais nos céus. Santificado seja o vosso nome. Venha a nós o vosso reino OUTRAS ORAÇÕES PAI NOSSO Pai nosso que estais nos céus Santificado seja o vosso nome Venha a nós o vosso reino Seja feita a vossa vontade Assim na Terra como no Céu O pão nosso de cada dia nos dai hoje

Leia mais

Ministério dos leitores PREPARAR PARA PROCLAMAR

Ministério dos leitores PREPARAR PARA PROCLAMAR Ministério dos leitores PREPARAR PARA PROCLAMAR Os fiéis, de acordo com o Livro dos Atos dos Apóstolos, quando se reúnem dominicalmente, no dia do Senhor têm como finalidade primeira escutar a Palavra

Leia mais

Plano Pedagógico do Catecismo 6

Plano Pedagógico do Catecismo 6 Plano Pedagógico do Catecismo 6 Cat Objetivos Experiência Humana Palavra Expressão de Fé Compromisso PLANIFICAÇÃO de ATIVIDADES BLOCO I JESUS, O FILHO DE DEUS QUE VEIO AO NOSSO ENCONTRO 1 Ligar a temática

Leia mais

BAPTISMO DAS CRIANÇAS (Sem Missa)

BAPTISMO DAS CRIANÇAS (Sem Missa) BAPTISMO DAS CRIANÇAS (Sem Missa) Cântico de Entrada SAUDAÇÃO E MONIÇÃO INICIAL DIÁLOGO COM OS PAIS E PADRINHOS Que nome escolhestes para o vosso filho? Pais: (dizem o nome do filho). Que pedis à Igreja

Leia mais

CELEBRAÇÃO DO AMOR Paróquia São Pedro e São Paulo - Toledo PR

CELEBRAÇÃO DO AMOR Paróquia São Pedro e São Paulo - Toledo PR CELEBRAÇÃO DO AMOR Paróquia São Pedro e São Paulo - Toledo PR O que Deus uniu o homem não separe! ACOLHIDA Comentarista: Estamos reunidos para celebrar o Amor. Do amor desses dois jovens. N e N vai nascer

Leia mais