on.point Brasil Industrial Galpões de alto padrão Perspectiva º sem Pesquisa imobiliária

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "on.point Brasil Industrial Galpões de alto padrão Perspectiva 2017 2º sem. 2013 Pesquisa imobiliária"

Transcrição

1 on.point Pesquisa imobiliária Brasil Industrial Galpões de alto padrão Perspectiva º sem Previsão de novo estoque - Brasil 13,1 milhões de m² até 2017 Novo estoque entregue Brasil 2,0 milhões de m² Previsão de entrega em Brasil 5,4 milhões de m² Previsão de novo estoque em São Paulo 6,6 milhões de m² até 2017 Taxa de vacância em São Paulo 12,6% Previsão de novo estoque no Rio de Janeiro 3,0 milhões de m² até 2017 Taxa de vacância no Rio de Janeiro 2,7%

2 2 on.point 2º semestre 2013 Novos estoques Alto padrão Classes AA & A O segundo semestre de 2013 registrou a entrega de aproximadamente 2,0 milhões de metros quadrados, o que representa 65% do estoque total entregue no ano. Esses novos empreendimentos estão concentrados nos estados de São Paulo e Rio de Janeiro. No Brasil, a previsão de novos estoques alcança os 13,1 milhões de metros quadrados que serão entregues no período de 2014 a 2017, com uma taxa anual composta de 12,54%, alcançando aproximadamente 36,3 milhões de metros quadrados de estoque total. % novo estoque por estado AA &A Importância das regiões Classes AA & A O sudeste, região com maior volume de galpões do país, será responsável por aproximadamente 74% das novas entregas previstas até 2017, impulsionada principalmente por São Paulo (51%) e Rio de Janeiro (23%). Em São Paulo, a expansão continua a noroeste da capital a partir do Rodoanel, principalmente nos eixos Anhanguera-Bandeirantes e Castelo Branco, nos empreendimentos de alguns dos principais players. No Rio de Janeiro, os novos estoques previstos estão nos eixos da Rodovia Presidente Dutra e Av. Brasil. Estados do Sul e Nordeste do país surgem com parques logísticos mais recentes, em estados como Paraná e Pernambuco. Projeção de novo estoque Brasil AA &A * Estimado

3 Milhões m² 3 on.point 2º semestre 2013 Novo estoque por estado por ano AA &A Total:36,3 MM m² Inventário 1Sem2013 2Sem2013 Preço médio de locação pedido (R$ / m² / mês) Ciclo das entregas 2014 com grande volume de entregas As entregas previstas para 2014 representam 41% do total esperado até São Paulo e Rio de Janeiro se mantém como as principais regiões a receberem esses novos empreendimentos. Em São Paulo, estão previstos 6,6 milhões de metros quadrados que representa um ritmo de crescimento anual composto de 12%. Já no Rio de Janeiro, serão entregues 3,0 milhões de metros quadrados até 2017, crescimento de 16% ao ano. As entregas na região sul do Brasil estão concentradas principalmente nos estados de Paraná e Rio Grande do Sul, totalizando aproximadamente 1 milhão de metros quadrados até Preços Classes AA & A No estado de São Paulo o preço pedido de locação se manteve estável no segundo semestre, com média de R$ 22,35 sendo a mínima de R$ 11,83 e a máxima de R$ 31,00 por metro quadrado por mês. O Rio de Janeiro permanece com a maior média de preço de locação do país em R$ 22,65 por metro quadrado por mês. Em Pernambuco, terceiro estado com maior estoque do país, os preços permaneceram estáveis, com mínimo e máxima de R$ 15,00 e R$ 17,00 por metro quadrado por mês, respectivamente. Preços de aluguel por estado AA &A Classes AA & A: R$ 21,09 / m² Média geral

4 Milhões m² 4 on.point 2º semestre 2013 Mapa logístico regional e rodoviário de São Paulo AA &A Evolução nos eixos rodoviários São Paulo Mais 1 milhão de m² entregues no 2º semestre de 2013 Em São Paulo, o maior volume de inventário está ao longo do eixo Anhanguera-Bandeirantes, principalmente nas regiões de Jundiaí e Cajamar que contam com a taxa de vacância de 7,6% e 13,0% respectivamente. No segundo semestre de 2013, 68% do estoque entregue no estado está ao longo do eixo Anhanguera-Bandeirantes e 20% ao longo do eixo Dutra Ayrton Senna. O eixo Anhanguera Bandeirantes concentra o maior volume de inventário e no segundo semestre de 2013 foram entregues mais 730 mil metros quadrados. A previsão é de que até 2017 esse eixo receba aproximadamente 3,5 milhões de metros quadrados. CAMPINAS SP-348 BR-381 SP-330 SP-065 ITU SP-075 JUNDIAÍ ATIBAIA BR-374 CAJAMAR GUARULHOS ARAÇARIGUAMA SOROCABA BARUERI SÃO PAULO COTIA ABCDM SP-150 SP-160 BR-116 SANTOS SÃO JOSÉ DOS CAMPOS SP-070 BR-116 Ao longo da Dutra-Airton Senna foram entregues 210 mil metros quadrados no segundo semestre e são esperados mais 1,2 milhões de metros quadrados de desenvolvimentos, principalmente na região de Guarulhos. Rodoanel Trecho futuro 2º Rodoanel * Consulte legenda das rodovias no rodapé da página 6 Novo estoque por eixos rodoviários AA &A TT 18,3 MM m² Inventário 1Sem2013 2Sem2013 Preço médio de locação pedido (R$ / m² / mês)

5 Milhões m² 5 on.point 2º semestre 2013 Mapa logístico regional e rodoviário do Rio de Janeiro AA &A Evolução nos eixos rodoviários Rio de Janeiro Principais eixos rodoviários do Rio de Janeiro No segundo semestre de 2013 foram entregues 238,7 mil metros quadrados em todo o estado do Rio de Janeiro. Desse total, 84% estão concentrados na região de Queimados. Do novo estoque previsto até 2017, 56% será ao longo do eixo Dutra-RJ. Nesse eixo a região Seropédica fica em destaque com mais da metade do volume, se tornando uma das principais regiões de desenvolvimento futuro do Rio de Janeiro. Os eixos Av. Brasil e Washington Luiz tem um estoque previsto até 2017 de aproximadamente 740 e 506 mil metros quadrados, respectivamente. Regiões mais consolidadas como Duque de Caxias e Campo Grande também terão seu estoque acrescido. A previsão é de que essas duas áreas recebam juntas 772 mil metros quadrados nos próximos quatro anos. ITATIAIA BR-116 RESENDE SEROPÉDICA ITAGUAÍ QUEIMADOS NOVA CAMPO GRANDE IGUAÇU BELFORD ROXO PAVUNA IRAJÁ Av. Brasil JACAREPAGUÁ Arco metropolitano DUQUE DE CAXIAS Linha Amarela BR-040 RIO MAGÉ CAMPOS DOS GOYTACAZES BR-101 MACAÉ Trecho futuro * Consulte legenda das rodovias no rodapé da página 6 Novo estoque por região AA &A TT 6,0 MM m² Inventário 1S2013 2S2013 Preço médio de locação pedido (R$ / m² / mês)

6 on.point Publicação periódica do Departamento de Pesquisa Jones Lang LaSalle Periodical publication by Jones Lang LaSalle Research Department Executivo responsável Executive in charge Marcelo Sasaki, Cindi Leal 1º semestre de st half 2012 Colaboradores Staff Ricardo Hirata, Débora Costa, Eduardo Miyamoto, Cindi Leal, Vagner Porto, Samia Obelenis Todos os direitos reservados Reprodução permitida desde que citada a fonte. All rights reserved Reproduction allowed provided that the source is mentioned. Pesquisa imobiliária O conhecimento norteia os negócios e serviços da Jones Lang LaSalle. A empresa investe amplamente em pesquisa para orientar o desenvolvimento imobiliário e as estratégias de investimento de seus clientes. O departamento Global de Pesquisa supervisiona e coordena as atividades de mais de 350 profissionais de pesquisa que cobrem o mercado em 70 países. No Brasil, a equipe de Pesquisa da Jones Lang LaSalle vai a campo periodicamente para levantar informações sobre o mercado de galpões das principais cidades e alimentar um banco de dados constantemente atualizado. Este esforço visa garantir o fornecimento de informações com a máxima precisão e embasar análises de qualidade para a tomada de decisão. Classificação dos galpões Não há norma aceita como padrão para classificação de galpões ou terminologia. Para a Jones Lang LaSalle, galpões logísticos são segmentados nas classes AA, A e B, a partir da análise e pontuação. A empresa não usa outros termos encontrados no mercado, como Triple A e A+. Classe AA: Capacidade de peso do piso por metro quadrado acima de 5 toneladas, isolamento acústico e térmico, pé-direito (do piso ao forro) superior ou igual a 12 metros, pisos nivelados a laser, 1 doca a cada metros quadrados, docas elevadas, sistema de sprinklers, distância entre pilares acima ou igual a 22,5 metros, iluminação natural, iluminação artificial de galpão igual ou acima de 300 lux, iluminação artificial de escritório igual ou acima de 500 lux, ventilação de galpão mecânica (trocas por hora) igual ou acima de 6, gerador. Classe A: Capacidade de peso do piso por metro quadrado acima de 4 toneladas, isolamento acústico e térmico, pé-direito (do piso ao forro) superior ou igual a 10 metros, pisos nivelados a laser, 1 doca a cada metros quadrados, iluminação natural, iluminação artificial de galpão igual ou acima de 300 lux, iluminação artificial de escritório igual ou acima de 500 lux, ventilação de galpão mecânica (trocas por hora) igual ou acima de 6, gerador. As informações contidas nesta publicação foram obtidas através de materiais divulgados no mercado imobiliário, folders comerciais, informações contidas em website dos empreendimentos e incorporadores, através de contato telefônico e pesquisa de campo. Os dados foram compilados através de métodos estatísticos desenvolvidos pela Jones Lang LaSalle. A Jones Lang LaSalle se isenta de responsabilidade por qualquer mudança de cronograma por parte dos incorporadores envolvidos na pesquisa e pela veracidade dos dados e informações fornecidos e divulgados pelos próprios incorporadores. Glossário Estoque Total: Total de metros quadrados de galpão construído. Taxa de vacância: Porcentagem de galpão vagos, calculada em relação ao estoque total. Preço Pedido: Preço por metro quadrado construído pedido pelo proprietário para locação ou venda Novo Estoque: Espaço em metros quadrados entregue ou previsto para ser entregue no período informado Absorção Líquida: aumento ou diminuição real de espaço ocupado entre períodos. Absorção Bruta: Demonstra toda a ocupação que ocorreu dentro do período analisado Área Construída: incluí toda área de galpão, mezanino, marquise e área de apoio. Rodovias BR 116 (nordeste de São Paulo): Rodovia Presidente Dutra BR 116 (oeste do Rio de Janeiro): Rodovia Presidente Dutra BR 116 (sudeste): Rodovia Régis Bittencourt BR 374: Rodovia Castello Branco BR 381: Rodovia Fernão Dias BR 040: Rodovia Washington Luiz BR 101: Rodovia Governador Mário Covas SP 330: Rodovia Anhanguera SP 348: Rodovia dos Bandeirantes SP 070: Rodovia Carvalho Pinto / Ayrton Senna SP 065: Rodovia Dom Pedro I SP 075: Rodovia Santos Dumont SP 160: Rodovia dos Imigrantes SP 150: Rodovia Anchieta

on.point Brasil Industrial Galpões de alto padrão Perspectiva 2017 1º sem. 2013 Pesquisa imobiliária

on.point Brasil Industrial Galpões de alto padrão Perspectiva 2017 1º sem. 2013 Pesquisa imobiliária on.point Pesquisa imobiliária Brasil Industrial Galpões de alto padrão Perspectiva 2017 1º sem. 2013 Previsão de novo estoque - Brasil 15,3 milhões de m² até 2017 Novo estoque entregue Brasil 1,2 milhões

Leia mais

On Point. Brasil Industrial Galpões de alto padrão Perspectiva 2017 1º sem. 2014. Pesquisa imobiliária 1S 2014

On Point. Brasil Industrial Galpões de alto padrão Perspectiva 2017 1º sem. 2014. Pesquisa imobiliária 1S 2014 On Point Pesquisa imobiliária 1S 2014 Brasil Industrial Galpões de alto padrão Perspectiva 2017 1º sem. 2014 Estoque total Brasil 24,1 milhões de m² Novo estoque entregue Brasil 1,1 milhão de m² Previsão

Leia mais

On Point. Brasil Industrial Galpões de alto padrão Perspectiva 2017 2º sem. 2014. Pesquisa imobiliária 2S 2014

On Point. Brasil Industrial Galpões de alto padrão Perspectiva 2017 2º sem. 2014. Pesquisa imobiliária 2S 2014 On Point Pesquisa imobiliária 2S 2014 Brasil Industrial Galpões de alto padrão Perspectiva 2017 2º sem. 2014 Estoque total Brasil 24,7 milhões de m² Novo estoque entregue Brasil 0,9 milhão de m² Previsão

Leia mais

On Point. Brasil Industrial Galpões de alto padrão Perspectiva º sem Pesquisa imobiliária 2S 2015

On Point. Brasil Industrial Galpões de alto padrão Perspectiva º sem Pesquisa imobiliária 2S 2015 On Point Pesquisa imobiliária 2S 2015 Brasil Industrial Galpões de alto padrão Perspectiva 2017 2º sem. 2015 Estoque total Brasil 28,3 milhões de m² Novo estoque entregue Brasil 0,6 milhão de m² Previsão

Leia mais

on.point Brasil Industrial Galpões de Alto Padrão Perspectiva º sem Pesquisa imobiliária

on.point Brasil Industrial Galpões de Alto Padrão Perspectiva º sem Pesquisa imobiliária on.point Pesquisa imobiliária Brasil Industrial Galpões de Alto Padrão Perspectiva 2016 1º sem. 2012 Previsão de Novo Estoque de Alto Padrão 13,2 milhões de m² Previsão de Entrega em 2012 - Total Brasil

Leia mais

FOCO NA EFICIÊNCIA DA OPERAÇÃO

FOCO NA EFICIÊNCIA DA OPERAÇÃO FOCO NA EFICIÊNCIA DA OPERAÇÃO Localização privilegiada, alta qualidade em projeto e serviços na região. Para estar mais próximo do cliente e bem à frente da concorrência. Como todo projeto assinado pela

Leia mais

CONDOMÍNIO FECHADO DE GALPÕES MODULARES

CONDOMÍNIO FECHADO DE GALPÕES MODULARES CONDOMÍNIO FECHADO DE GALPÕES MODULARES PRÉVIA Ilustração artística da portaria Rua dos Tucanos, 630 - Carapicuíba - SP - Brasil 23 33 37.00 S 46 49 17.00 O Por que Rodoanel? O Rodoanel Mário Covas, depois

Leia mais

CONDOMÍNIO FECHADO DE GALPÕES MODULARES

CONDOMÍNIO FECHADO DE GALPÕES MODULARES Ilustração artística da portaria. CONDOMÍNIO FECHADO DE GALPÕES MODULARES Estrada Ferreira Guedes, 784 Potuverá Itapecerica da Serra SP Brasil 23 43 04.00 S 46 53 32.00 O GR Guarulhos GR Hortolândia GR

Leia mais

CONDOMÍNIO FECHADO DE GALPÕES MODULARES

CONDOMÍNIO FECHADO DE GALPÕES MODULARES CENTRO INDUSTRIAL COMERCIAL E LOGÍSTICO Ilustração artística da portaria. CONDOMÍNIO FECHADO DE GALPÕES MODULARES Rua Dona Catharina Maria de Jesus, 400 Guarulhos SP Brasil 23 25 00.00 S 46 24 26.00 O

Leia mais

Seminário IDEAS Panorama de Mercado

Seminário IDEAS Panorama de Mercado Seminário IDEAS Panorama de Mercado Abril de 2012 Accelerating success. Sumário 1. Visão Geral Escritórios Padrão 2. São Paulo Escritórios Padrão A e A+ Rio de Janeiro Escritórios Padrão A e A+ 3. Visão

Leia mais

RELATÓRIO DE MERCADO INDUSTRIAL E LOGÍSTICO

RELATÓRIO DE MERCADO INDUSTRIAL E LOGÍSTICO 2T 2015 BRASIL RELATÓRIO DE MERCADO INDUSTRIAL E LOGÍSTICO PRIMEIRO SEMESTRE ENCERRA COM CRESCIMENTO DA DEMANDA ABAIXO DA MÉDIA DOS ÚLTIMOS ANOS Brasil Indicadores Classe A Acumulado 2015 - Brasil Estoque

Leia mais

ALTA EFICIÊNCIA A SERVIÇO DE SUA ESTRATÉGIA

ALTA EFICIÊNCIA A SERVIÇO DE SUA ESTRATÉGIA Golgi Seropédica Golgi Seropédica Condomínio Logístico próximo ao entroncamento do Arco Metropolitano com a Dutra ALTA EFICIÊNCIA A SERVIÇO DE SUA ESTRATÉGIA O Golgi Seropédica é a solução inteligente

Leia mais

CONDOMÍNIOS INDUSTRIAIS & LOGÍSTICOS. RELATÓRIO DE MERCADO VALE DO PARAÍBA: Eixo - Jacareí, São José dos Campos, Caçapava e Taubaté.

CONDOMÍNIOS INDUSTRIAIS & LOGÍSTICOS. RELATÓRIO DE MERCADO VALE DO PARAÍBA: Eixo - Jacareí, São José dos Campos, Caçapava e Taubaté. CONDOMÍNIOS INDUSTRIAIS & LOGÍSTICOS RELATÓRIO DE MERCADO VALE DO PARAÍBA: Eixo - Jacareí, São José dos Campos, Caçapava e Taubaté. Condomínios Industriais & Logísticos Maquete de um projeto 2 CONDOMINIOS

Leia mais

CASTELO BRANCO AVENIDA MARGINAL PROJETADA, 1.810 TAMBORÉ - SP. modular I1 CASTELO BRANCO. modular I1

CASTELO BRANCO AVENIDA MARGINAL PROJETADA, 1.810 TAMBORÉ - SP. modular I1 CASTELO BRANCO. modular I1 AVENIDA MARGINAL PROJETADA,.80 TAMBORÉ - SP CASTELO BRANCO modular I CASTELO BRANCO modular I conceito FOTOS DO EMPREENDIMENTO MODULAR I TÃO FLEXÍVEL QUANTO AS NECESSIDADES DE SUA EMPRESA NOSSO CONCEITO

Leia mais

CONDOMÍNIO FECHADO DE GALPÕES MODULARES

CONDOMÍNIO FECHADO DE GALPÕES MODULARES CONDOMÍNIO FECHADO DE GALPÕES MODULARES Ilustração artística da portaria Rua Atilio Biscuola, nº 1.831 - Louveira - SP - Brasil 23 05 09.00 S 46 58 10.00 O SÃO PAULO DHL RODOVIA ANHANGUERA KM 72 Por que

Leia mais

ALGUNS EMPREENDIMENTOS ADMINISTRADOS PELA HERZOG

ALGUNS EMPREENDIMENTOS ADMINISTRADOS PELA HERZOG CONDOMÍNIOS INDUSTRIAIS LOGÍSTICOS ALGUNS EMPREENDIMENTOS ADMINISTRADOS PELA HERZOG OBJETIDO E FONTE DE PESQUISA O estudo a seguir tem como objetivo trazer informações sobre o mercado imobiliário de condomínios

Leia mais

ÍNDICE 06 QUEM SOMOS 08 GLOBAL CUMBICA 10 GLOBAL JUNDIAÍ I 12 GLOBAL JUNDIAÍ II 14 GLOBAL VINHEDO 16 GLOBAL SUMARÉ 18 GLOBAL VIRACOPOS

ÍNDICE 06 QUEM SOMOS 08 GLOBAL CUMBICA 10 GLOBAL JUNDIAÍ I 12 GLOBAL JUNDIAÍ II 14 GLOBAL VINHEDO 16 GLOBAL SUMARÉ 18 GLOBAL VIRACOPOS 2012 ÍNDICE 06 QUEM SOMOS 08 CUMBICA 10 JUNDIAÍ I 12 JUNDIAÍ II 14 VINHEDO 16 SUMARÉ 18 VIRACOPOS 20 FUTUROS DESENVOLVIMENTOS ALPHA ARAGUAIA MARECHAL TITO CAMPINAS SOROCABA 22 CORPORATIVO E VAREJO ED.

Leia mais

Galpão Logístico Av. Ceci - Barueri/SP

Galpão Logístico Av. Ceci - Barueri/SP Oportunidades INDUSTRIAIS Galpão Logístico Av. Ceci - Barueri/SP Condomínio Fechado de Galpões Galpão logístico localizado em condomínio fechado, com segurança e excelente infraestrutura, próximo ao Shopping

Leia mais

Inauguração do Condomínio Logístico Global Cumbica em Guarulhos.

Inauguração do Condomínio Logístico Global Cumbica em Guarulhos. Fundada em 2006, a GWI Real Estate é uma empresa de empreendimentos imobiliários, especializada na aquisição, desenvolvimento e operação de condomínios logísticos de galpões modulares de alto padrão e

Leia mais

Relatório do Administrador FIP BVEP PLAZA

Relatório do Administrador FIP BVEP PLAZA Relatório do Administrador FIP BVEP PLAZA 3º Trimestre 2014 O Fundo O FIP BVEP PLAZA tem como objetivo o investimento na empresa BVEP Empreendimentos Imobiliários SPE III S.A. que é proprietária de 100%

Leia mais

Pensou Outlet, pensou General Shopping Brasil.

Pensou Outlet, pensou General Shopping Brasil. Pensou Outlet, pensou General Shopping Brasil. O Outlet Premium avança pelo território nacional abrindo grandes oportunidades de negócios para você. Pensou Outlet, pensou General Shopping Brasil. Outlet

Leia mais

GLP Cajamar. Apresentação do Empreendimento

GLP Cajamar. Apresentação do Empreendimento GLP Cajamar Apresentação do Empreendimento GLP Cajamar GLP Cajamar O empreendimento está localizado na Avenida Dr. Antonio João Abdalla, a 3km da Rod. Anhanguera em Cajamar, São Paulo. Nos últimos 5 anos

Leia mais

Secretaria de Logística e Transportes DEPARTAMENTO DE ESTRADAS DE RODAGEM

Secretaria de Logística e Transportes DEPARTAMENTO DE ESTRADAS DE RODAGEM Matriz de Transporte Brasil Estado de São Paulo Modal Participação Modal Participação Rodoviário 61,20% Ferroviário 20,70% Hidroviário 13,60% Dutoviário 4,20% Aéreo 0,40% Rodoviário 93,10% Ferroviário

Leia mais

Centros de Distribuição e Armazenagem Um Novo Modelo para a Realidade Brasileira

Centros de Distribuição e Armazenagem Um Novo Modelo para a Realidade Brasileira Centros de Distribuição e Armazenagem Um Novo Modelo para a Realidade Brasileira Sobre a GLP A GLP é líder global em instalações logísticas modernas com presença na China, Japão, Brasil e EUA. Valor Líquido

Leia mais

Condomínio Ory Business Park

Condomínio Ory Business Park Condomínio Ory Business Park Marginal Norte da Rodovia dos Bandeirantes, km 61,5 Distrito Industrial Jundiaí/SP Saída km 59 da Rodovia dos Bandeirantes Saída km 61 da Rodovia Anhanguera www.orypark.com.br

Leia mais

TRX Realty Logística Renda I TRXL11 FII. Relatório Trimestral 2º Trimestre de 2015

TRX Realty Logística Renda I TRXL11 FII. Relatório Trimestral 2º Trimestre de 2015 TRX Realty Logística Renda I TRXL11 FII Relatório Trimestral 2º Trimestre de 2015 ÍNDICE TRX Realty Logística Renda I TRXL11 - FII Relatório Trimestral 2º Trimestre de 2015 DADOS DO FUNDO 3 PRINCIPAIS

Leia mais

A o analisarmos os últimos três

A o analisarmos os últimos três Condomínios logísticos: há excesso de espaços ociosos, que tendem a ser utilizados com retomada da economia Vacância, preços em queda, negociações... tudo reflexo do atual momento econômico, que provoca

Leia mais

Kinea Renda Imobiliária FII. Relatório de Gestão

Kinea Renda Imobiliária FII. Relatório de Gestão Kinea Renda Imobiliária FII Relatório de Gestão Fevereiro de 2013 Palavra do Gestor Prezado Investidor, No mês de janeiro, conforme já informado preliminarmente no relatório anterior, tivemos a aquisição

Leia mais

Relatório do Administrador

Relatório do Administrador Relatório do Administrador Renda de Escritórios Fundo de Investimento Imobiliário - FII (CNPJ n.º 14.793.782/0001-78) Em atendimento ao disposto na Instrução CVM n. 472, de 31 de outubro de 2008, apresentamos

Leia mais

PLANO DIRETOR DE TRANSPORTE DA REGIÃO METROPOLITANA DO RIO DE JANEIRO - PDTU AGOSTO - 2014

PLANO DIRETOR DE TRANSPORTE DA REGIÃO METROPOLITANA DO RIO DE JANEIRO - PDTU AGOSTO - 2014 PLANO DIRETOR DE TRANSPORTE DA REGIÃO METROPOLITANA DO RIO DE JANEIRO - PDTU AGOSTO - 2014 NO PAÍS, OS INCIPIENTES SISTEMAS PÚBLICOS DE PLANEJAMENTO FORAM DESMOBILIZADOS, SEUS QUADROS FUNCIONAIS SÃO MÍNIMOS.

Leia mais

GERALDO ALCKMIN 18/10/2011

GERALDO ALCKMIN 18/10/2011 GERALDO ALCKMIN 18/10/2011 AÇÕES E PROJETOS HABITAÇÃO - 150 mil novas moradias nos próximos quatro anos, para atender a famílias que ganham até 5 salários mínimos, triplicando a produção de moradias no

Leia mais

Condomínio Master Business Park

Condomínio Master Business Park Condomínio Master Business Park Av. Marginal da Rodovia dos Bandeirantes, km 61,5 (sentido capital) Esquina com Av. Eng. Luiz Latorre Distrito Industrial de Jundiaí SP Saída km 59 da Rodovia dos Bandeirantes

Leia mais

COSMOPOLITANO SHOPPING. orgânico moderno conectado novo completo diverso dinâmico confortável

COSMOPOLITANO SHOPPING. orgânico moderno conectado novo completo diverso dinâmico confortável COSMOPOLITANO SHOPPING orgânico moderno conectado novo completo diverso dinâmico confortável Uma cidade do mundo deve abraçar o mundo. Crescer e prosperar junto com ele. Na era dos novos negócios, coragem

Leia mais

Vila Nova Conceição. A localização exclusiva onde a qualidade de vida inspira a qualidade do trabalho. Parque do Ibirapuera

Vila Nova Conceição. A localização exclusiva onde a qualidade de vida inspira a qualidade do trabalho. Parque do Ibirapuera Parque do Ibirapuera Vila Nova Conceição. A localização exclusiva onde a qualidade de vida inspira a qualidade do trabalho. Tranquilidade, sofisticação e segurança. São essas características que fazem

Leia mais

Nota da Reunião de 20 de junho de 2013

Nota da Reunião de 20 de junho de 2013 1 Nota da Reunião de 20 de junho de 2013 Tema Debatido: O Mercado dos Empreendimentos para Renda no Brasil: Edifícios de Escritórios Comerciais e Galpões Logísticos e Industriais Antes de iniciar a discussão

Leia mais

Vetor UF Nome Localização / Descrição Tipo de Intervenção PAC? Status Extensão

Vetor UF Nome Localização / Descrição Tipo de Intervenção PAC? Status Extensão Angra dos Reis/ Angra dos Reis/ Ampliação/Melhorias Não Planejado 30.000 N.A. Pós 2015 Angra dos Reis: ampliação do Pátio de Aeronaves, Terminal de Passageiros e Ampliação de Pista. Área do Terminal: 450m2.

Leia mais

L eandro Angelino, gerente de pesquisa. Profissionais do setor de condomínios logísticos acreditam em um panorama positivo para 2014.

L eandro Angelino, gerente de pesquisa. Profissionais do setor de condomínios logísticos acreditam em um panorama positivo para 2014. especial Profissionais do setor de condomínios logísticos acreditam em um panorama positivo para 2014 Apesar de divergirem sobre os resultados deste mercado no ano de 2013, os especialistas notam que o

Leia mais

Macrolocalização... Principais Vias de Acesso... Microlocalização... Mapeamento do Entorno... O Terreno

Macrolocalização... Principais Vias de Acesso... Microlocalização... Mapeamento do Entorno... O Terreno Índice Macrolocalização... Principais Vias de Acesso... Microlocalização... Mapeamento do Entorno... O Terreno O Projeto Ficha Técnica... 8 Planialtimétrico... 9 IPTU e Certidão de Valor Venal... 10 Fotos...

Leia mais

Relatório Mensal - Dezembro 2012

Relatório Mensal - Dezembro 2012 Fundo de Investimento Imobiliário Europar - FII Relatório Mensal - Dezembro 2012 Comentário Mensal do Gestor do Fundo Durante o mês de dezembro, avançamos nas obras para a compartimentação do imóvel CDA1.

Leia mais

Relatório do Administrador FIP BVEP PLAZA

Relatório do Administrador FIP BVEP PLAZA Relatório do Administrador FIP BVEP PLAZA 3º Trimestre 2015 O Fundo O FIP BVEP PLAZA tem como objetivo o investimento na empresa BVEP Empreendimentos Imobiliários SPE III S.A. que é proprietária de 100%

Leia mais

curitiba / pr Módulos a partir de 1.600m 2 Área bruta locável de 51.000m 2

curitiba / pr Módulos a partir de 1.600m 2 Área bruta locável de 51.000m 2 Perspectiva artística. curitiba / pr Módulos a partir de 1.600m 2 Área bruta locável de 51.000m 2 Commercial Properties HORTOLÂNDIA A LOG ComMercial Properties A LOG Commercial Properties, empresa do grupo

Leia mais

Pesquisa Anual de Serviços

Pesquisa Anual de Serviços 1 Pesquisa Anual de Serviços Perguntas e Respostas Qual o destaque da pesquisa? O setor movimentou R$ 1,1 trilhão em receita operacional líquida i, respondeu por 11 993 942 mil pessoas ocupadas e pagou

Leia mais

1S14 RESEARCH. Mercado pressiona por redução nos valores de locação MERCADO DE ESCRITÓRIOS - OVERVIEW. Indices Econômicos.

1S14 RESEARCH. Mercado pressiona por redução nos valores de locação MERCADO DE ESCRITÓRIOS - OVERVIEW. Indices Econômicos. RESEARCH 1S14 MERCADO DE ESCRITÓRIOS - OVERVIEW Mercado pressiona por redução nos valores de locação A economia brasileira teve mais um ano difícil em 2013 o que vem se repetindo em 2014. Mesmo com cenário

Leia mais

FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO EUROPAR (CNPJ/MF nº 05.437.916/0001-27)

FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO EUROPAR (CNPJ/MF nº 05.437.916/0001-27) FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO EUROPAR (CNPJ/MF nº 05.437.916/0001-27) Administrado por Relatório da Administração Exercício Encerrado em 31 de Dezembro de 2013 1. Objeto do Fundo: O Fundo de Investimento

Leia mais

Relatório do Administrador FIP BVEP PLAZA

Relatório do Administrador FIP BVEP PLAZA Relatório do Administrador FIP BVEP PLAZA 2º Trimestre 2014 O Fundo O FIP BVEP PLAZA tem como objetivo investir na empresa BVEP Empreendimentos Imobiliários SPE III S.A. que é proprietária de 100% do empreendimento

Leia mais

GLP Campinas. Apresentação do Empreendimento

GLP Campinas. Apresentação do Empreendimento GLP Campinas Apresentação do Empreendimento GLP Campinas O empreendimento foi desenvolvido para atender empresas de logística e indústrias, de todos os portes e diferentes necessidades, afim de facilitar

Leia mais

RNGO11. Indicadores. O fundo foi lançado em: 20.7.2012; no valor de R$ 100,00 por cota. Não houve lançamentos secundário de cotas.

RNGO11. Indicadores. O fundo foi lançado em: 20.7.2012; no valor de R$ 100,00 por cota. Não houve lançamentos secundário de cotas. RNGO11 O fundo foi lançado em: 20.7.2012; no valor de R$ 100,00 por cota. Não houve lançamentos secundário de cotas. O fundo esteve em RMG até novembro de 2013 e pagou neste período um rendimento mensal

Leia mais

Vamos ao shopping? Crescimento dos centros de compras atrai investidores de ações e de fundos imobiliários. Ainda há muito espaço para lucrar com eles

Vamos ao shopping? Crescimento dos centros de compras atrai investidores de ações e de fundos imobiliários. Ainda há muito espaço para lucrar com eles Página 1 de 5 INVESTIDORES Nº EDIÇÃO: 815 Investimentos 24.MAI.13-21:00 Vamos ao shopping? Crescimento dos centros de compras atrai investidores de ações e de fundos imobiliários. Ainda há muito espaço

Leia mais

Apresentação dos Resultados de 2T07. 15 de agosto de 2007

Apresentação dos Resultados de 2T07. 15 de agosto de 2007 Apresentação dos Resultados de 2T07 15 de agosto de 2007 1 Equipe da Cyrela Brazil Realty Diretor Presidente Elie Horn Diretor Financeiro e de Relações com Investidores Luis Largman Diretor de Controle

Leia mais

10º LEVANTAMENTO DE SAFRAS DA CONAB - 2012/2013 Julho/2013

10º LEVANTAMENTO DE SAFRAS DA CONAB - 2012/2013 Julho/2013 10º LEVANTAMENTO DE SAFRAS DA CONAB - 2012/2013 Julho/2013 1. INTRODUÇÃO O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), por meio da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), realiza sistematicamente

Leia mais

SDI Logística Rio - FII (SDIL11)

SDI Logística Rio - FII (SDIL11) SDI Logística Rio - FII (SDIL11) PERFIL DO FUNDO O Fundo é proprietário do centro logístico denominado Multi Modal Duque de Caxias, localizado no município de Duque de Caxias, Estado do Rio de Janeiro,

Leia mais

Cenário das Rodovias Brasileiras. UFSC - Campus Joinville 1

Cenário das Rodovias Brasileiras. UFSC - Campus Joinville 1 Cenário das Rodovias Brasileiras 1 Cenário das Rodovias Brasileiras 2 Vantagens do Pavimento de Concreto 3 Vantagens do Pavimento de Concreto 4 Vantagens do Pavimento de Concreto 5 Vantagens do Pavimento

Leia mais

Kinea Renda Imobiliária FII Relatório de Gestão Novembro de 2011

Kinea Renda Imobiliária FII Relatório de Gestão Novembro de 2011 Kinea Renda Imobiliária FII Relatório de Gestão Novembro de 2011 Palavra do Gestor Prezado investidor, No mês de outubro, não tivemos alteração na carteira de imóveis do Kinea Renda Imobiliária Fundo de

Leia mais

ESCRITÓRIOS CORPORATIVOS

ESCRITÓRIOS CORPORATIVOS 3T 2015 SÃO PAULO RELATÓRIO DE MERCADO ESCRITÓRIOS CORPORATIVOS FLIGHT TO QUALITY DETERMINA MELHOR RESULTADO ACUMULADO EM ALTO PADRÃO DOS ÚLTIMOS ANOS São Paulo Economia Indicadores Acumulados 2015 A+,

Leia mais

ABSORÇÃO LÍQUIDA ANUAL DE CONDOMÍNIOS LOGÍSTICOS PARA 2012 PODE DUPLICAR EM RELAÇÃO AO ANO ANTERIOR.

ABSORÇÃO LÍQUIDA ANUAL DE CONDOMÍNIOS LOGÍSTICOS PARA 2012 PODE DUPLICAR EM RELAÇÃO AO ANO ANTERIOR. 1º TRIMESTRE 212 INDUSTRIAL BRASIL MARKET REPORT INDUSTRIAL ABSORÇÃO LÍQUIDA ANUAL DE CONDOMÍNIOS LOGÍSTICOS PARA 212 PODE DUPLICAR EM RELAÇÃO AO ANO ANTERIOR. Inventário: 17.787 m² Taxa de Vacância: %

Leia mais

MERCADO CORPORATIVO MAIS FAVORÁVEL AO INQUILINO EM 2013

MERCADO CORPORATIVO MAIS FAVORÁVEL AO INQUILINO EM 2013 4º TRIMESTRE 213 escritórios São paulo MARKET REPORT ESCRITÓRIOS RELATÓRIO DE PESQUISA DE ESCRITÓRIOS A+ A e B MERCADO CORPORATIVO MAIS FAVORÁVEL AO INQUILINO EM 213 Inventário Existente: 3.95 milhões

Leia mais

23 DE NOVEMBRO DE 2010

23 DE NOVEMBRO DE 2010 Reunião APIMEC - MG 23 DE NOVEMBRO DE 2010 ECORODOVIAS ESTRUTURA SOCIETÁRIA A EcoRodovias é uma das maiores empresas de infraestrutura logística integrada do Brasil, cujo foco é operar ativos de logística

Leia mais

FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO HUMAITÁ FII CNPJ 17.035.124/0001-05

FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO HUMAITÁ FII CNPJ 17.035.124/0001-05 FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO HUMAITÁ FII CNPJ 17.035.124/0001-05 RELATÓRIO DO ADMINISTRADOR 1º SEMESTRE/2015 1 SUMÁRIO I. DESCRIÇÃO DOS NEGÓCIOS REALIZADOS NO SEMESTRE... 3 II. PROGRAMA DE INVESTIMENTOS

Leia mais

Segmento de condomínios logísticos passa por mudanças Matéria 14 de Julho de 2013 A + A -

Segmento de condomínios logísticos passa por mudanças Matéria 14 de Julho de 2013 A + A - Segmento de condomínios logísticos passa por mudanças Matéria 14 de Julho de 2013 A + A - Afinal, é importante destacar, trata-se de um mercado sazonal e que apresenta um ritmo de velocidade de absorção

Leia mais

Valores de Locação no Rio de Janeiro aumentarão até 2016.

Valores de Locação no Rio de Janeiro aumentarão até 2016. 1º SEMESTRE 2011 ESCRITÓRIOS A E A+ RIO DE JANEIRO MARKET REPORT DE ESCRITÓRIOS RELATÓRIO DE PESQUISA DE ESCRITÓRIOS A+ E A Valores de Locação no Rio de Janeiro aumentarão até 2016. Economia PREÇO ABSORÇÃO

Leia mais

Outubro de 2011. São Paulo Rio de Janeiro Porto Alegre Recife

Outubro de 2011. São Paulo Rio de Janeiro Porto Alegre Recife Outubro de 2011 São Paulo Rio de Janeiro Porto Alegre Recife Pesquisa de Preços de Imóveis Residenciais É um estudo independente do IBOPE Inteligência, cujo o objetivo é levantar o preço por m² de venda

Leia mais

TREM DE ALTA VELOCIDADE - TAV

TREM DE ALTA VELOCIDADE - TAV Encontro Econômico Brasil - Alemanha 2009 Cooperação para o Crescimento e Emprego Idéias e Resultados TREM DE ALTA VELOCIDADE - TAV Secretaria de Política Nacional de Transportes / MT - Engº Marcelo Perrupato

Leia mais

FII Caixa Incorporação

FII Caixa Incorporação Apresentação Junho de 205 FII Caixa Incorporação Atualização das atividades do FII Caixa Incorporação Agenda Seção Seção 2 Seção 3 Seção 4 Seção 5 Seção 6 Sumário Executivo Evolução do Fundo Benefícios

Leia mais

Seminário Valor Econômico

Seminário Valor Econômico Seminário Valor Econômico Porto Maravilha: Benefícios e Oportunidades Painel 2: O potencial lucrativo da renovação urbana Porto Maravilha: o Novo Destino do Rio COPACABANA IPANEMA PÃO DE AÇÚCAR BOTAFOGO

Leia mais

1. Investimento concreto

1. Investimento concreto 1. Investimento concreto 18/09/2008 Exame Revista Setor 137, 138 e 140 Página 1 Página 2 Página 3 Página 4 Comprar imóveis para alugar foi um dos piores negócios nas últimas décadas. Agora até estrangeiros

Leia mais

Vá de ônibus para o Show do One Direction! Dia 08 de Maio de 2014, Quinta Horário: 9:00 às 0:00

Vá de ônibus para o Show do One Direction! Dia 08 de Maio de 2014, Quinta Horário: 9:00 às 0:00 1 O Rio Ônibus através das Empresas de Ônibus da Cidade do Rio de Janeiro estarão operando no dia 08 de Maio de 2014, uma linha especial entre o Terminal Alvorada e o Parque dos Atletas, local onde ocorrerá

Leia mais

Estudo Estratégico n o 6. Mobilidade urbana e mercado de trabalho na Região Metropolitana do Rio de Janeiro Danielle Carusi Machado e Vitor Mihessen

Estudo Estratégico n o 6. Mobilidade urbana e mercado de trabalho na Região Metropolitana do Rio de Janeiro Danielle Carusi Machado e Vitor Mihessen Estudo Estratégico n o 6 Mobilidade urbana e mercado de trabalho na Região Metropolitana do Rio de Janeiro Danielle Carusi Machado e Vitor Mihessen PANORAMA GERAL Processo de urbanização: expansão territorial

Leia mais

Kinea Renda Imobiliária FII. Relatório de Gestão

Kinea Renda Imobiliária FII. Relatório de Gestão Kinea Renda Imobiliária FII Relatório de Gestão Abril de 2013 Palavra do Gestor Prezado Investidor, No mês de março, o Kinea Renda Imobiliária Fundo de Investimento Imobiliário (Ibov: KNRI11) concluiu

Leia mais

JPP CAPITAL FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO FII CNPJ 17.216.625/0001-98

JPP CAPITAL FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO FII CNPJ 17.216.625/0001-98 JPP CAPITAL FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO FII CNPJ 17.216.625/0001-98 RELATÓRIO DO ADMINISTRADOR 1º SEMESTRE/2015 1 SUMÁRIO I. DESCRIÇÃO DOS NEGÓCIOS REALIZADOS NO SEMESTRE... 3 II. PROGRAMA DE INVESTIMENTOS

Leia mais

GOVERNANÇA METROPOLITANA. As cidades e os desafios da Mobilidade Urbana

GOVERNANÇA METROPOLITANA. As cidades e os desafios da Mobilidade Urbana As cidades e os desafios da Mobilidade Urbana Março / 2012 Mobilidade é o deslocamento de pessoas e bens nas cidades. É sustentável quando: Valoriza o deslocamento do pedestre. Proporciona mobilidade às

Leia mais

Ilustração artística da portaria e prédio administrativo. Rodovia Vice-Prefeito Hermenegildo Tonolli - km 2 - Jundiaí - SP - Brasil

Ilustração artística da portaria e prédio administrativo. Rodovia Vice-Prefeito Hermenegildo Tonolli - km 2 - Jundiaí - SP - Brasil Ilustração artística da portaria e prédio administrativo Condomínio fechado de galpões modulares Rodovia Vice-Prefeito Hermenegildo Tonolli - km - Jundiaí - SP - Brasil Por que Jundiaí? Ilustração artística

Leia mais

O MERCADO IMOBILIÁRIO NO INTERIOR

O MERCADO IMOBILIÁRIO NO INTERIOR O MERCADO IMOBILIÁRIO NO INTERIOR O MERCADO IMOBILIÁRIO NO INTERIOR INTERIOR DE SÃO PAULO Flavio Amary Vice-presidente do Interior do Secovi-SP e Diretor Regional em Sorocaba e Região PARTICIPAÇÃO % DO

Leia mais

A GP no mercado imobiliário

A GP no mercado imobiliário A GP no mercado imobiliário A experiência singular acumulada pela GP Investments em diferentes segmentos do setor imobiliário confere importante diferencial competitivo para a Companhia capturar novas

Leia mais

Secretaria de Logística e Transportes DEPARTAMENTO DE ESTRADAS DE RODAGEM. ARSESP - Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo

Secretaria de Logística e Transportes DEPARTAMENTO DE ESTRADAS DE RODAGEM. ARSESP - Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo Matriz de Transporte Modal Brasil Participação Estado de São Paulo Modal Participação Rodoviário 61,20% Ferroviário 20,70% Hidroviário 13,60% Dutoviário 4,20% Aéreo 0,40% Rodoviário 93,10% Ferroviário

Leia mais

TRANSINC FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO FII CNPJ 17.007.443/0001-07 RELATÓRIO DO ADMINISTRADOR

TRANSINC FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO FII CNPJ 17.007.443/0001-07 RELATÓRIO DO ADMINISTRADOR TRANSINC FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO FII CNPJ 17.007.443/0001-07 RELATÓRIO DO ADMINISTRADOR 1º SEMESTRE/2014 1 SUMÁRIO I. DESCRIÇÃO DOS NEGÓCIOS REALIZADOS NO SEMESTRE... 3 II. PROGRAMA DE INVESTIMENTOS

Leia mais

20 de dezembro de 2010. Perguntas e Respostas

20 de dezembro de 2010. Perguntas e Respostas Perguntas e Respostas Índice 1. Qual é a participação de mercado da ALL no mercado de contêineres? Quantos contêineres ela transporta por ano?... 4 2. Transportar por ferrovia não é mais barato do que

Leia mais

PREÇOS PEDIDOS DE LOCAÇÃO PERMANECEM EM RECUO

PREÇOS PEDIDOS DE LOCAÇÃO PERMANECEM EM RECUO RIO DE JANEIRO MARKET REPORT ESCRITÓRIOS RELATÓRIO DE PESQUISA DE ESCRITÓRIOS A+ A E B PREÇOS PEDIDOS DE LOCAÇÃO PERMANECEM EM RECUO Existente: 1.65 milhões m²: Geral 1.21 milhões m²: A+ e A 441 mil m²:

Leia mais

Lançamento. I n f o r m a ç õ e s : 3893.0000 www.tradepenhaoffice.com.br. R e a l i z a ç ã o e i n c o r p o r a ç ã o :

Lançamento. I n f o r m a ç õ e s : 3893.0000 www.tradepenhaoffice.com.br. R e a l i z a ç ã o e i n c o r p o r a ç ã o : Lançamento I n f o r m a ç õ e s : 3893.0000 www.tradepenhaoffice.com.br R e a l i z a ç ã o e i n c o r p o r a ç ã o : c o n s t r u ç ã o : F I N A N C I A M E N T O : v e n d a s : Central de Atendimento:

Leia mais

CONSTRUTORA PJ 1.3. D.M.O. ENGENHARIA TORRE VISTA GARDEN (RESIDENCIAL) SOROCABA (SP) SERVIÇO REALIZADO TODA A ESTRUTURA DAS TORRES COM 22 PAVIMENTOS

CONSTRUTORA PJ 1.3. D.M.O. ENGENHARIA TORRE VISTA GARDEN (RESIDENCIAL) SOROCABA (SP) SERVIÇO REALIZADO TODA A ESTRUTURA DAS TORRES COM 22 PAVIMENTOS CONSTRUTORA PJ A CONSTRUTORA PJ É A CONTINUIDADE DA MAN EMPREITEIRA DE OBRAS QUE TRABALHA NA CONSTRUÇÃO CIVIL A QUASE 20 ANOS COM SEDE PRÓPRIA EM OSASCO-SP, EXECUTAMOS TODOS OS TIPOS DE OBRAS CIVIL E ATENDEMOS

Leia mais

ARCO METROPOLITANO DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA DE OBRAS

ARCO METROPOLITANO DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA DE OBRAS DO RIO DE JANEIRO HISTÓRICO 1974 - passou a integrar o Plano Rodoviário Estadual (PRE) como RJ-109, rodovia planejada do trecho entre a BR 040 e a BR 101 (Sul) 1977 e 1984 - O Estado contratou projeto

Leia mais

Prévia Operacional 1º Trimestre de 2015

Prévia Operacional 1º Trimestre de 2015 PRÉVIA DOS RESULTADOS OPERACIONAIS 1T15 No 1T15, lançamentos consolidados atingem R$313,6 milhões, com vendas brutas de R$604,5 milhões. Encerrando o 1T15 com vendas líquidas de R$423,3 milhões. PARA DIVULGAÇÃO

Leia mais

[Digite texto] Rua Tomas Carvalhal,714 cj 05 - Vila Mariana - SP - CEP 04007-002 Fone : 3887-4314 e 3051 2518

[Digite texto] Rua Tomas Carvalhal,714 cj 05 - Vila Mariana - SP - CEP 04007-002 Fone : 3887-4314 e 3051 2518 HPC - HOTEL PARQUE DOS COQUEIROS Hotel categoria 5 estrelas Praia do Atalaia - Aracajú - SE Projeto arquitetônico Aflalo e Gasperini 360 apartamentos 9 suítes executivas, 2 presidenciais Centro de Convenções

Leia mais

FUNDO DE INVESTIMENTO EM PARTICIPAÇÕES COM LASTRO IMOBILIÁRIO FIP RIVIERA GR INDUSTRIAL

FUNDO DE INVESTIMENTO EM PARTICIPAÇÕES COM LASTRO IMOBILIÁRIO FIP RIVIERA GR INDUSTRIAL FUNDO DE INVESTIMENTO EM PARTICIPAÇÕES COM LASTRO IMOBILIÁRIO FIP RIVIERA GR INDUSTRIAL Condomínio de Galpões Logísticos: Completa infraestrutura, segurança, serviços de apoio e flexibilidade de locação.

Leia mais

O setor hoteleiro do Brasil às portas da Copa do Mundo. Roberto Rotter 20 de setembro de 2013

O setor hoteleiro do Brasil às portas da Copa do Mundo. Roberto Rotter 20 de setembro de 2013 O setor hoteleiro do Brasil às portas da Copa do Mundo Roberto Rotter 20 de setembro de 2013 Panorama atual da hotelaria - Brasil Total de hotéis: 10 mil Total de UH s: 460 mil Fonte: Hotelaria em Números

Leia mais

SDI Logística Rio - FII (SDIL11)

SDI Logística Rio - FII (SDIL11) SDI Logística Rio - FII (SDIL11) PERFIL DO FUNDO O Fundo é proprietário do centro logístico denominado Multi Modal Duque de Caxias, localizado no município de Duque de Caxias, Estado do Rio de Janeiro,

Leia mais

PERFIL DOS FABRICANTES DE ESTRUTURAS DE AÇO. Resumo Executivo Pesquisa 2013

PERFIL DOS FABRICANTES DE ESTRUTURAS DE AÇO. Resumo Executivo Pesquisa 2013 PERFIL DOS FABRICANTES DE ESTRUTURAS DE AÇO Resumo Executivo Pesquisa 2013 APRESENTAÇÃO Em ação conjunta para o melhor conhecimento das capacidades do mercado brasileiro da construção em aço, o CBCA Centro

Leia mais

DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS DE 2009 E DO 4T09. 24 de Março 2010

DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS DE 2009 E DO 4T09. 24 de Março 2010 DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS DE 2009 E DO 4T09 24 de Março 2010 Destaques Financeiros e Operacionais de 2009 e do 4T09 As vendas nos Shopping Centers da Companhia tiveram um crescimento no ano de 14,1%; Taxa

Leia mais

ATUALIZAÇÃO: 10/05/2012 a 25/05/2012 ATUALIZAÇÃO: 05/10/2012 A 20/10/2012

ATUALIZAÇÃO: 10/05/2012 a 25/05/2012 ATUALIZAÇÃO: 05/10/2012 A 20/10/2012 ATUALIZAÇÃO: 10/05/2012 a 25/05/2012 ATUALIZAÇÃO: 05/10/2012 A 20/10/2012 CODIGO IMOVEIS COM RENDA BAIRRO ZONA AREA % RENTBL ALUGUEL PREÇO PREÇO COMERCIALZAÇÃO ( VENDA COM RENDA ) ABL MENSAL (*) MENSAL

Leia mais

RODRIGO GARCIA Secretário de Estado da Habitação

RODRIGO GARCIA Secretário de Estado da Habitação RODRIGO GARCIA Secretário de Estado da Habitação Caracterização do modelo OBJETIVOS INCLUSÃO SOCIAL Diversidade REQUALIFICAÇÃO DO ESPAÇO URBANO APROXIMAÇÃO DA MORADIA DOS LOCAIS DE OFERTA DE EMPREGO PÚBLICO-ALVO

Leia mais

Perspectiva do segmento industrial no Brasil: logística e cadeia de suprimentos

Perspectiva do segmento industrial no Brasil: logística e cadeia de suprimentos Perspectiva do segmento industrial no Brasil: logística e cadeia de suprimentos Research and Market Intelligence Dezembro de 2014 Previsão de crescimento da classe média % das classes sobre a população

Leia mais

ABEMD ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE MARKETING DIRETO. INDICADORES 2009 e 1º SEMESTRE 2010

ABEMD ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE MARKETING DIRETO. INDICADORES 2009 e 1º SEMESTRE 2010 ABEMD ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE MARKETING DIRETO INDICADORES 2009 e 1º SEMESTRE 2010 1 Outubro de 2010 AGRADECEMOS AOS CORREIOS POR VIABILIZAR ESTE ESTUDO 2 APOIO TECNOLÓGICO 3 INDICE Objetivo Metodologia

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA Secretaria de Acompanhamento Econômico. Parecer Técnico n.º 06410/2008/RJ

MINISTÉRIO DA FAZENDA Secretaria de Acompanhamento Econômico. Parecer Técnico n.º 06410/2008/RJ MINISTÉRIO DA FAZENDA Secretaria de Acompanhamento Econômico Parecer Técnico n.º 06410/2008/RJ COGCE/SEAE/MF Rio de Janeiro, 03 de julho de 2008 Referência: Ofício n.º 3963/2008/SDE/GAB, de 23 de junho

Leia mais

COPA DO MUNDO FIFA 2014 BRASIL. Oportunidades e Desafios

COPA DO MUNDO FIFA 2014 BRASIL. Oportunidades e Desafios COPA DO MUNDO FIFA 2014 BRASIL Oportunidades e Desafios COPA DO MUNDO - OPORTUNIDADES Um evento esportivo do porte de uma Copa do Mundo é como uma grande vitrine do país no exterior e corresponde a um

Leia mais

Evolução do déficit habitacional (em milhões de unidade) 2012E 6,0 5,8 5,9 5,8 SP - 20% RJ - Fonte: FGV. Moradia permanente. Déficit habitacional 4.

Evolução do déficit habitacional (em milhões de unidade) 2012E 6,0 5,8 5,9 5,8 SP - 20% RJ - Fonte: FGV. Moradia permanente. Déficit habitacional 4. Evolução do déficit habitacional (em milhões de unidade) 5,9 4.0 6,0 5,8 5,8 0.9 14.9 5,7 4.3 0.3 25.2 Moradia permanente 2.2 SP - 20% 8.9 0.4 Déficit habitacional 2.0 RJ - 9% Fonte: FGV 2007 2008 2009

Leia mais

OBRAS DE INFRAESTRUTURA NO BRASIL

OBRAS DE INFRAESTRUTURA NO BRASIL OBRAS DE INFRAESTRUTURA NO BRASIL Estudo realizado com 259 empresas; Faturamento das empresas pesquisadas representando mais de 30% do PIB brasileiro; O objetivo principal é mapear e avaliar a importância

Leia mais

Relatório Trimestral 2º Trimestre de 2013

Relatório Trimestral 2º Trimestre de 2013 TRX REALTY LOGÍSTICA RENDA I TRXL11 - FII - RELATÓRIO TRIMESTRAL 2º TRIMESTRE DE 2013 Caixa TRX Logística Renda FII - CXTL11 Relatório Trimestral 2º Trimestre de 2013 1 ÍNDICE Caixa TRX Logística Renda

Leia mais

Demonstrativo da extrema pobreza: Brasil 1990 a 2009

Demonstrativo da extrema pobreza: Brasil 1990 a 2009 Campinas, 29 de fevereiro de 2012 AVANÇOS NO BRASIL Redução significativa da população em situação de pobreza e extrema pobreza, resultado do desenvolvimento econômico e das decisões políticas adotadas.

Leia mais

Seguem abaixo perguntas formuladas por empresas participantes da Licitação supracitada e as correspondentes respostas de FURNAS:

Seguem abaixo perguntas formuladas por empresas participantes da Licitação supracitada e as correspondentes respostas de FURNAS: ESCLARECIMENTO Nº 02 Seguem abaixo perguntas formuladas por empresas participantes da Licitação supracitada e as correspondentes respostas de FURNAS: 1. Pergunta: Reiterando nossa dúvida, gostaríamos de

Leia mais

MOBILIDADE URBANA EM SÃO PAULO. As cidades e os. Mobilidade Urbana

MOBILIDADE URBANA EM SÃO PAULO. As cidades e os. Mobilidade Urbana As cidades e os desafios da Mobilidade Urbana Mobilidade é o deslocamento de pessoas e bens nas cidades. É sustentável quando: Valoriza o deslocamento do pedestre. Proporciona mobilidade às pessoas com

Leia mais

RESULTADOS 2T15 Teleconferência 10 de agosto de 2015

RESULTADOS 2T15 Teleconferência 10 de agosto de 2015 RESULTADOS 2T15 Teleconferência 10 de agosto de 2015 AVISO Nesta apresentação nós fazemos declarações prospectivas que estão sujeitas a riscos e incertezas. Tais declarações têm como base crenças e suposições

Leia mais