Sumário. Apresentação... 5

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Sumário. Apresentação... 5"

Transcrição

1

2 Sumário Apresentação Metodologia do Centro UniversitáriO UniSEB Interativo Sistema Modular Aulas Interativas Material Didático Textos Complementares Ambiente Virtual de Aprendizagem - AVA O Papel do Tutor Presencial O Papel do Professor Interativo O aluno de Educação a Distância Técnicas e Dicas de Estudo Setor pedagógico Cursos - Apresentação Pedagogia Administração Ciências Contábeis Licenciatura em Letras Inglês e Espanhol Filosofia Serviço Social Curso Superior Tecnológico Gestão da Tecnologia da Informação Curso Superior Tecnológico Gestão Financeira Curso Superior Tecnológico Gestão de Recursos Humanos Curso Superior Tecnológico Secretariado Curso Superior Tecnológico Gestão de Marketing Curso Superior Tecnológico Negócios Imobiliários Curso Superior Tecnológico Gestão Comercial Calendário Acadêmico Sistema de Avaliação Participação Eletrônica (PE) Avaliação Eletrônica (AE) Participação nas Atividades (PA) Prova Presencial (PP)

3 6.3.5 Prova Substitutiva Prova de Exame Dependência (DP) Prova Substitutiva da Dependência Exame da Dependência Atividades Complementares Estágio Estágio Supervisionado Obrigatório Estágio Extracurricular (não obrigatório) Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC) TCC I TCC II Formação Complementar Nivelamentos Nivelamento em Língua Portuguesa Nivelamento em Matemática Nivelamento em Informática Nivelamento em Educação a Distância Requerimentos e procedimentos: Requerimentos Freqüência e verificação de notas Abono Compensação de Ausência Provas Substitutivas Transferência de Curso Transferência de Polo Trancamento Cancelamento e abandono Declaração de Matrícula Histórico Escolar Conteúdo Programático Aproveitamento de Estudos Solicitação de vale-transporte Segunda via do Cartão de Estudante Alteração Cadastro do aluno

4 7.17 Pagamento Boleto Descontos de pontualidade PROUNI / FIES Diploma Central de Relacionamento

5 Apresentação Prezado Discente, Este é o Manual de Orientações Gerais - MOG - em que estão apresentadas informações sobre procedimentos acadêmicos do Centro Universitário UniSEB Interativo. Neste manual você encontrará orientações que nortearão a sua vida acadêmica tais como, dicas de estudo, metodologia de ensino, sistema de avaliação, procedimentos de secretaria entre outras informações. Consulte-o com freqüência, estas orientações contribuirão para o andamento de suas atividades acadêmicas durante o ano letivo. Atenciosamente Pró-Reitoria de EaD Diretoria Acadêmica Centro Universitário UniSEB Interativo 5

6 Educação a Distância Você escolheu fazer um curso de graduação a distância. Educação a distância é uma modalidade educacional regulamentada por lei e tem a mesma validade que um curso presencial. A legislação brasileira compreende como: Educação a Distância é uma modalidade educacional na qual a mediação didático-pedagógica nos processos de ensino e aprendizagem ocorre com a utilização de meios e tecnologias de informação e comunicação, com estudantes e professores desenvolvendo atividades educativas em lugares ou tempos diversos. (Decreto 5.622/2005). O Centro Universitário UniSEB toma como referências os marcos da política educacional ditados pela Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (Lei n.º 9.394, de 20 de dezembro de 1996), que foi regulamentada pelo Decreto n.º 5.622, publicado no D.O.U. de 20/12/05 com normalização definida na Portaria Ministerial n.º 301, de 07 de abril de O Credenciamento do Instituto de Ensino Superior COC - Faculdade Interativa para a oferta de cursos de graduação a distância está amparada pela Portaria MEC n.º 2.969/2005. Em 2011, a Faculdades COC alcança o reconhecimento público do trabalho realizado e por meio da Portaria nº 51 de 19 de Janeiro de 2011 é transformado em Centro Universitário. Assim, a Faculdade Interativa COC, a partir de 2011 é Centro Universitário UniSEB Interativo. A sigla UniSEB significa a união do Sistema Educacional Brasileiro. Nossa Instituição tem se destacado pelo uso de alta tecnologia, nos cursos oferecidos além de possuir corpo docente formado por professores mestres e doutores, altamente qualificados. 1. Metodologia do Centro UniversitáriO UniSEB Interativo O nosso sistema de ensino possui tradição e experiência em aliar alta tecnologia de informação e comunicação, à qualidade didático-pedagógica, em todos os seus segmentos. Por isso, o Centro Universitário UniSEB COC, através do UniSEB Interativo visa a democratizar o acesso ao Ensino Superior adotando a modalidade de Educação a Distância. Acredita que incorporar novas tecnologias representa avanços para a realização de suas atividades, portanto, sua completa estrutura foi desenvolvida para que o estudante obtenha os melhores resultados. 6

7 Os cursos são organizados em até 20% da carga horária da disciplina cursada presencialmente via telessala e o restante a distância. Uma vez por semana o aluno vai ao polo em que está regularmente matriculado e assiste às aulas que são transmitidas em tempo real, via satélite, de Ribeirão Preto-SP, para todos os polos espalhados pelo país. Você acompanha a aula na telessala do seu polo visualizando a imagem do professor e os slides com o conteúdo a ser desenvolvido. Além disso, para cada turma existe um tutor presencial graduado na área do curso, que acompanha e orienta os estudantes no momento da aula. O restante da carga horária será cumprido obrigatoriamente por meio de atividades como leituras obrigatórias, atividades avaliativas, fóruns de discussão, exercícios propostos, textos complementares, tudo disponível no ambiente virtual de aprendizagem AVA. O apoio didático é feito pelo material impresso e/ou digital. Estes são materiais desenvolvidos pelos docentes, que o aluno recebe gratuitamente no início de cada semestre. Há também de plantões on-line (chat) previamente agendados. Você também é avaliado pela sua participação realizada nos acessos ao ambiente virtual de aprendizagem e, a cada módulo, também realiza uma prova eletrônica e uma prova presencial. As dúvidas são enviadas via chat que são respondidas pelo docente durante a aula. Há também momentos de interatividade ao vivo em que alunos de todo o país podem ver e ouvir as dúvidas e comentários dos estudantes dos demais polos. 1.1 Sistema Modular A modulação é a união de disciplinas afins que são contempladas no mesmo módulo, ou seja, a cada módulo você estudará um conjunto de disciplinas que dialogam entre si favorecendo a interdisciplinaridade. Além disso, os primeiros módulos são compostos de disciplinas que não possuem pré-requisitos para que você siga para o próximo módulo. Por que a matriz do meu curso é modular? A modulação permite a interdisciplinaridade, fazendo com que o aluno possa relacionar os conteúdos de cada disciplina, percebendo desta forma a relação existente entre os conceitos abordados, o que contribui para uma visão ampla de todo o processo educacional. Em que a matriz modular me beneficia? O princípio da interdisciplinaridade permitiu um grande avanço na idéia de integração curricular. As disciplinas e os conteúdos, quando tratados de forma interdisciplinar situam o aluno num campo mais amplo de conhecimento também o integrando na sociedade de forma ampla e 7

8 complexa. O foco do projeto pedagógico modular contempla as exigências do mercado de trabalho atual, que exigem um profissional com visão capaz de articular e transitar por diversos campos de conhecimento, trabalhar em equipe de forma dinâmica, acompanhar as transformações sociais, e ter consciência da complexidade humana. Se eu ingressei com o curso em andamento, quando eu cursarei os primeiros módulos? Após concluir todos os módulos conforme o andamento da matriz curricular de seu curso, você retornará ao início da matriz para cursar as matérias dos módulos iniciais. Os módulos iniciais não possuem pré-requisitos, ou seja, possibilitam que você as curse posteriormente sem que seja necessário ter cursado módulos anteriores. Mas atenção, você cursará as disciplinas dos módulos iniciais ainda dentro do prazo de formação do seu curso, ou seja, se seu curso possui quatro anos, estas disciplinas serão cursadas dentro deste prazo. Metodologia Centro Universitário UniSEB Interativo Aulas Interativas Material Didático Ambiente Virtual de Aprendizagem 8

9 1.2 Aulas Interativas Você assistirá às aulas ao vivo nos polos uma vez por semana, ministradas por professores especialistas, mestres e doutores. Também nesses dias você participará de atividades e dinâmicas solicitadas pelo professor que são coordenadas pelo tutor presencial, bem como realizará trabalhos em grupo e avaliações. Poderá tirar dúvidas e interagir ao vivo com o professor da disciplina. 1.3 Material Didático Cada professor responsável pela disciplina elabora o material didático que tem o objetivo de orientar o acompanhamento das aulas e ser o apoio efetivo nos conteúdos abordados. Com o material didático você poderá realizar o estudo das disciplinas que estão sendo ministradas nos módulos além, de poder se preparar previamente para o dia da sua aula interativa Textos Complementares Para ampliar o seu conhecimento, todos os professores disponibilizam textos complementares que abordam os conceitos apresentados durante as aulas interativas. É muito importante realizar estas leituras, pois esta é uma oportunidade de entrar em contato com textos de destaque no universo educacional, tanto pela abordagem atualizada quanto pela qualidade, reconhecimento dos 9

10 autores e, ainda, para conhecer diferentes pontos de vista sobre o mesmo tema, tornando a sua capacidade de análise bem mais consistente. O acesso a esses materiais, portanto, é fundamental para a sua formação. Confira os textos complementares no ícone Minhas atividades 1.4 Ambiente Virtual de Aprendizagem - AVA Em casa o seu estudo continua. A este momento denominamos de auto-estudo que representa em torno de 80% da sua aprendizagem, os até 20% são contemplados nas aulas interativas transmitidas na telessala. No ambiente virtual de aprendizagem você irá acompanhar as atividades do curso que escolheu para sua carreira profissional, além de ter acesso a todas as informações de acompanhamento para a sua produção e avaliação acadêmica. Como faço para estudar em casa? A qualquer momento você pode acessar o endereço <http://www.estudeadistancia.com.br>. Estudar na modalidade de educação a distância traz a oportunidade de organizar o seu horário de estudo de acordo com a sua necessidade, pois é possível estudar a qualquer momento e de qualquer lugar que você quiser acessar o ambiente virtual de aprendizagem, desde que tenha acesso à internet. Digite seu login (número composto da inicial o seu código de matrícula) e senha para visualizar as áreas específicas de aluno, como você pode ver a seguir na página de abertura do ambiente virtual de aprendizagem. 10

11 Este é o canal de comunicação entre os acadêmicos, professores interativos, tutores presenciais, equipe pedagógica e secretaria acadêmica. Neste ambiente você vai encontrar as ferramentas de comunicação, como s (ícone Mensagens) chats e fóruns com os docentes de cada disciplina. Este é um universo on-line de oportunidades para a aprendizagem, neste espaço você também encontrará área para download de textos para auto-estudo, os slides das aulas, listas de exercícios, questões comentadas etc. Veja o que encontrar e como proceder em cada um destes ícones: Minhas atividades: Aqui você encontra os slides da Aula Interativa, textos complementares, atividades e exercícios de todas as disciplinas que você está cursando. Existem três tipos de atividades: Atividades propostas durante a aula: São atividades propostas pelo professor titular da disciplina. Você realizará no momento em que está ocorrendo a aula com a orientação do tutor presencial que seguirá as instruções repassadas pelo docente da disciplina. É uma oportunidade de trabalhar em equipe e formar grupos para debate. Esta atividade você mesmo poderá corrigir durante a aula com a apresentação da resolução feita pelo professor. 11

12 Atividades avaliativas: São postadas no ambiente virtual de aprendizagem no ícone Minhas Atividades. Possui instruções específicas contidas dentro do próprio arquivo postado e deverá ser entregue ao tutor presencial do seu polo dentro do prazo estipulado. O tutor presencial realizará a correção, de acordo com as orientações do docente, atribuindo valor de 0 a 10 para cada atividade. As atividades avaliativas compõem a sua nota e deverão ser feitas em sua casa. Atividades Não-Avaliativas: Também são postadas no ambiente virtual de aprendizagem dentro do ícone Minhas Atividades, mas você não precisará entregá-la para o seu tutor presencial. Estas atividades não são avaliativas. A indicação de que a atividade não é avaliativa aparece no próprio cabeçalho da atividade. Utilize-as para complementar e testar o conhecimento adquirido durante as aulas juntamente com a leitura do material impresso e textos disponíveis no ambiente virtual de aprendizagem. Porque devo realizar a leitura dos textos e atividades? São textos e atividades que complementam o seu conhecimento sobre o conteúdo abordado durante a aula. O professor da disciplina escolhe e insere os textos ou exercícios para que você leia e resolva atentamente. Esta é mais uma maneira de auxiliá-lo durante o estudo realizado em casa. A aula que eu assisti fica disponível no site do Centro Universitário UniSEB Interativo? O que ficará disponível são os slides da aula, um arquivo em Power Point para você realizar uma revisão do conteúdo abordado em sala de aula. Preciso imprimir os slides da aula? Não é obrigatório. Fica a seu critério ter ou não os slides em suas mãos no momento da aula. O professor realizará uma abordagem nos slides que inclui os temas contemplados em seu material didático e, além disso, poderá aprofundar os mesmos temas partindo da bibliografia básica e complementar da disciplina. Fórum: Este é um espaço em que o professor propõe um tema para reflexão. O que devo fazer então? Entre no fórum e insira seus comentários relacionados com o tema proposto e, além disso, leia as observações de seus colegas, eles ajudarão você a conhecer outras visões sobre o mesmo assunto ampliando dessa forma a sua visão sobre determinado assunto. 12

13 Minhas Notas: Neste espaço o estudante tem sua média, assim como a explicação para o cálculo desta média. Encontra também o relatório de participação eletrônica, que irá compor a nota de participação eletrônica. Calendário Estudantil: neste ícone os calendários acadêmicos, com todas as datas importantes do ano estão divulgadas; Senha: neste espaço o acadêmico pode alterar a sua senha. Minhas Dúvidas: Em minhas dúvidas é possível enviar mensagens para os professores das disciplinas que contemplam o módulo que você estiver cursando. Envie suas dúvidas a respeito dos textos complementares, atividades e conteúdos ministrados durante a aula interativa. O professor responderá as suas dúvidas o quanto antes, dando-lhe os esclarecimentos necessários. Presenças: ambiente para consulta das freqüências do estudante às aulas interativas. Horários das Aulas: neste espaço o estudante consulta a organização das aulas interativas dos módulos; Guias e Manuais: no qual encontram materiais importantes para o percurso acadêmico são eles: O Guia do Curso, com informações sobre a matriz curricular, ementário, bibliografia dos módulos, estágio curricular obrigatório, estágio profissional, dentre outras; O Manual de Orientações Gerais para discentes MOG com orientações sobre o AVA, procedimentos acadêmicos tais como requerimentos, mensalidades, documentação; Manual de TCC que descreve as especificações da realização do trabalho de conclusão de curso, assim como as normas de padronização e formatação da ABNT; Regulamento de Estágio: contém todas as orientações sobre as normas e indicativos sobre o Estágio Curricular Obrigatório e o Estágio Extra-Curricular. Regimento Geral do IES: este material contém as orientações de funcionamento da instituição, assim como as descrições das funções e organização. Regulamento das Atividades Complementares: neste material o estudante encontra as orientações para realização e cumprimento das atividades complementares que são obrigatórias a todo curso de graduação; Guia para Formatura: material que orienta sobre a cerimônia oficial de colação grau que é transmitida para todos os polos de apoio presencial. Referências Digitais: site de pesquisa que contem conteúdos de cultura geral que ampliam o universo do estudante, com acesso gratuito. 2ª Via do Boleto: possibilita a impressão da 2ª via do boleto da mensalidade; 13

14 Ajuda: neste ícone o estudante encontra auxílio para navegação no AVA com download de navegadores e visualizadores; Plantão On-Line: Neste espaço será possível conversar com os professores das disciplinas que estiverem sendo ministradas no módulo, podendo assim esclarecer as dúvidas. Nos plantões online, você estará ao mesmo tempo conectado com alunos de outras localidades, portanto, este espaço deverá ser estritamente voltado para os esclarecimentos de dúvidas a respeito do conteúdo ministrado nas aulas interativas. São horários previamente agendados e que são visualizados assim que você entra no ícone. Acesse um plantão da disciplina desejada e inicie uma conversa on-line com seu professor. O plantão on-line pode ocorrer com lousa para, por exemplo, disciplinas de exatas tais como matemática financeira ou estatística, onde os docentes realizarem cálculos; sem lousa, para disciplinas que necessitem mais de explicações por escrito e também com câmeras, que é um recurso usado especialmente para a disciplina de LIBRAS; Atividades Complementares: neste espaço o estudante encontra o Regulamento das Atividades Complementares, o modelo de relatório, e também a tabela de aproveitamento de horas. Ainda há neste espaço dois relatórios que permitem a visualização da quantidade de horas por tipo de atividade realizada e o total geral de atividades complementares realizadas; Requerimentos: neste espaço o estudante pode requerer documentos específicos. Ombudsman: este espaço é para garantir que o aluno se sinta atendido. O ombudsman atua no controle de qualidade dos serviços prestados, assumindo o papel de indutor de mudanças e ajustes estruturais, visando à melhoria desses serviços, bem como ao desenvolvimento e ao aprimoramento institucionais. Pesquisas: neste ícone são disponibilizadas pesquisas tais como a auto-avaliação institucional para diagnosticar a qualidade dos serviços ofertados. Formação Complementar: neste ícone o estudante encontra os cursos de Nivelamento de Português, Matemática, EaD e Informática e palestras de Formação Geral com o objetivo ampliar seu universo cultural. Central de Relacionamento: neste espaço o estudante encontra a forma de se comunicar com todos os setores da EaD do Centro Universitário UniSEB Interativo, basta selecionar Secretaria, Financeiro, Coordenação de Curso, Estágio, dentre outros, - e escrever a mensagem. Toda mensagem enviada gera um protocolo, que possibilite que o estudante e/ou tutor que gerou acompanhe em que etapa está sendo tratada sua solicitação. Quadro de Avisos: neste quadro de avisos os estudantes, tutores, coordenadores de polo, docentes encontram a divulgação de informações sobre cursos, palestras, dentre outros. Como Funciona?: quando o estudante coloca seu usuário e senha ele inicia a navegação por esse ícone que vai orientá-lo sobre a utilização do AVA. 14

15 2. O Papel do Tutor Presencial No decorrer do curso você contará com a presença do tutor presencial, profissional que ficará no polo de apoio presencial e será um dos elos entre você e o professor interativo. O tutor presencial será o seu apoio e terá condições de lhe orientar nos momentos de autoestudo e nas atividades propostas. Além disso, ele cumpre as funções de: Mediar a aula interativa com os acadêmicos; Orientar o desenvolvimento das atividades; Estimular a interação e participação nas atividades propostas; Conduzir os acadêmicos para um bom aproveitamento nos momentos de auto-estudo; Aplicar e realizar a correção das avaliações, assim como a atribuição das notas, por meio de critérios definidos pela coordenação pedagógica e professores interativos. 3. O Papel do Professor Interativo É o responsável pela produção do material didático, da aula interativa e do material disponibilizado no ambiente virtual de aprendizagem. Além disso: Ministra as aulas interativas. Esclarece suas dúvidas e questionamentos durante a aula transmitida Juntamente com o apoio pedagógico realiza a tutoria eletrônica: atendimentos através dos plantões on-line previamente agendados e respondem as mensagens enviadas pelos alunos por meio do ambiente virtual de aprendizagem Elabora as avaliações eletrônicas e presenciais; Prepara os critérios de aplicação e correção das avaliações e atividades; Instiga você à interatividade nos momentos presenciais. 4. O aluno de Educação a Distância Cursos a distância possibilitam uma maior flexibilização do tempo para a dedicação aos estudos. Isso exige que você seja disciplinado, organizado, motivado, proativo. Essas qualidades devem ser associadas à organização de tempo e empenho para o auto-estudo. No modelo da EAD, 15

16 o estudante precisa ter iniciativa de pesquisa e de troca de experiências por meio de chats, fóruns e interatividade ao vivo, durante as aulas interativas. Além disso, precisa cumprir os prazos estabelecidos e ter consciência da busca contínua de aprendizagem. Recomenda-se que o estudante siga o rigorosamente o Roteiro de Estudos previamente elaborado pelo docente. O tutor presencial pode orientá-lo nessa tarefa. O mais importante é que você encontre tempo em sua agenda semanal para incorporar o estudo, a realização das atividades, a visita ao AVA, a participação dos plantões on-line, dentre outros. 5. Técnicas e Dicas de Estudo. É imprescindível que você faça a leitura antecipada do material didático e dos textos que estarão à disposição no ambiente virtual de aprendizagem antes de assistir às aulas presenciais. Para obter um bom aproveitamento desenvolva rotinas de estudo: Faça uma agenda e mantenha um horário diário para que você possa se dedicar à leitura e a realização das atividades. Siga rigorosamente o roteiro de estudos de cada disciplina que foi elaborado pelo docente; Acesse o ambiente virtual de aprendizagem diariamente para que você possa participar das atividades sem perder os prazos previstos no calendário de seu curso. Leia o Quadro de Avisos que está no ambiente virtual de aprendizagem diariamente, nele estão todas as informações necessárias para o andamento do curso. Organize as leituras elaborando resumos sistemáticos do conteúdo abordado em cada disciplina. Registre as anotações das aulas e das atividades propostas durante a aula, guarde-as para momentos posteriores de auto-estudo. Aproveite ao máximo cada aula interativa! Aproveite os momentos de interação com seu professor na aula para retirar as suas dúvidas e esclarecer os pontos necessários. Caso surjam novas dúvidas, utilize os recursos disponíveis no ambiente virtual de aprendizagem para solucioná-las. Interaja ativamente nos fóruns propostos pelo seu professor, é um momento de grande interação e troca de experiências. Participe de palestras, eventos realizados na área do seu curso, chats, fóruns, oferecidos pelo Centro Universitário UniSEB Interativo ou realizados em sua região. Esteja sempre informado. 16

17 6. Setor pedagógico O setor Pedagógico do Centro Universitário UniSEB Interativo engloba a Direção Acadêmica, a Coordenação Pedagógica Geral, Coordenadores de Cursos e Docentes. Nossa equipe conta com profissionais qualificados com reconhecida competência por atuarem enquanto pesquisadores (mestres e doutores) das melhores universidades do país além da longa experiência no Ensino Superior. Estes profissionais estão presentes no dia a dia da instituição para atender e orientar os alunos e trabalham em conjunto vivenciando a educação de maneira interdisciplinar e transdisciplinar. O objetivo é proporcionar uma formação profissional sólida embasada no diálogo constante entre a teoria e a vivência profissional mercadológica além do desenvolvimento e estímulo à vida intelectual acadêmica. Conheça a apresentação dos objetivos, o público atingido a duração e carga horária do curso que você escolheu. 6.1 Cursos - Apresentação Os cursos possuem a seguinte regulamentação legal: Pedagogia: autorizado pelo MEC por meio da Portaria n de 29 de agosto de Administração: autorizado pelo MEC por meio da Portaria n. 563 de 30 de agosto de Ciências Contábeis: autorizado pelo MEC por meio da Portaria n. 227, de 8 de junho de Licenciatura de Letras Inglês e Espanhol: autorizado pelo MEC por meio da Portaria n. 229, de 8 de junho de Os seguintes cursos são oferecidos em parceria firmada com o Centro Universitário Newton Paiva, por meio da Resolução n. 9/CONSEPE/7 de 3 de outubro de Filosofia; Serviço Social e Curso Superior de Tecnologia em Gestão da Tecnologia da Informação. De acordo com o Plano de Desenvolvimento Institucional foram aprovados pelo Conselho Superior de Administração do Centro Universitário UniSEB COC em 08 de Outubro de 2010 os cursos: Curso Superior de Tecnologia em Gestão Financeira Curso Superior de Tecnologia em em Gestão de Recursos Humanos Curso Superior de Tecnologia em Secretariado Curso Superior de Tecnologia em Gestão da Tecnologia da Informação Curso Superior de Tecnologia em Gestão de Marketing Licenciatura em Filosofia 17

18 6.1.1 Pedagogia Objetivo: Formar profissionais da Educação, capacitando-o para a docência na Educação Infantil (Creches e Pré-escolas) para os Anos Iniciais do Ensino Fundamental e para a Gestão Educacional (coordenação, direção, elaboração de projetos e processos educativos em espaços escolares e não escolares). Público Alvo: O Curso a Distância de Pedagogia do Centro Universitário UnSEB COC tem como público alvo os concluintes do ensino médio, técnicos e EJA, que desejem cursar uma instituição de ensino superior qualificada. Duração do curso Resolução nº 1 CNE/CP, de 15 de maio de 2006.: Para ingressantes em 2009: 4 anos (8 semestres) em conformidade com o despacho do Depto de Supervisão do Ensino Superior (MEC/SESu) de 06/07/2006; Para ingressantes anteriores a 2009: 3 anos e meio (7 semestres) Carga horária para ingressantes em 2009: A carga horária total do curso está legalmente fundamentada na Resolução CNE CP/CES CP nº 01/2006, num total de horas sendo 300 horas de estágio curricular supervisionado, 100 horas de atividades complementares. Carga horária para ingressantes anteriores a 2009: 3490 horas sendo 300 horas de estágio curricular supervisionado e 120h de atividades complementares Administração Objetivo: O curso de Administração tem como objetivo formar um gestor de organizações, com sólida formação acadêmica, apto a liderar equipes de alto desempenho, aplicar adequadamente as práticas administrativas nos diversos contextos organizacionais e empreender novos negócios contribuindo para o desenvolvimento econômico e social do país. Público Alvo: concluintes do ensino médio, que desejam cursar uma instituição de ensino superior qualificada. Duração do curso: 4 anos (8 semestres) Carga horária para ingressantes no 1º Semestre de 2007: 3600 horas sendo 400 horas de estágio supervisionado e 200 horas de atividades complementares. Carga horária para ingressantes no 2º Semestre de 2007 e 1º semestre de 2008: horas sendo 400 horas de estágio supervisionado e 200 horas de atividades complementares. 18

19 Carga horária para ingressantes a partir do 1º Semestre de 2009: horas sendo 400 horas de estágio supervisionado e 200 horas de atividades complementares Ciências Contábeis Objetivo: Formar bacharéis aptos à prática profissional, que poderão tomar decisões frente às necessidades e desafios da atualidade atuando em diferentes áreas de exercício profissional (instituições financeiras, indústrias, comércios, empresas públicas e prestadoras de serviços contábeis e de consultoria e auditoria), bem como ser capaz de desenvolver, administrar, orientar, monitorar e implementar ações empresariais de natureza econômico-financeira, contábil e gerencial que contribuam para o desempenho eficiente e eficaz de seus usuários. Público Alvo: O curso de Bacharelado em Ciências Contábeis é oferecido a todos que tenham concluído o ensino médio ou equivalente, e profissionais contábeis com formação técnica. O objetivo específico do curso é a formação de Contabilistas para atender às empresas públicas e privadas num cenário fortemente competitivo. Duração do curso: 4 anos (8 semestres) Carga horária para ingressantes no 2º semestre de 2007: 3730 horas sendo 150 horas de atividades complementares e 300 horas de estágio supervisionado. Carga horária para ingressantes no 1º semestre de 2008: 3720 horas sendo 150 horas de atividades complementares e 300 horas de estágio supervisionado. Carga horária para ingressantes a partir do 2º semestre de 2008: horas sendo 150 horas de atividades complementares e 300 horas de estágio supervisionado Licenciatura em Letras Inglês e Espanhol Objetivo: Formar profissionais críticos, envolvidos e comprometidos com a realidade sócio-cultural. Educadores no sentido amplo, que além de atuarem como mão de obra especializada na comunidade, atenderão às necessidades culturais da mesma, incentivando o gosto artístico, literário e lingüístico, demandas essas da sociedade brasileira. Público Alvo: concluintes do ensino médio, que desejam cursar uma instituição de ensino superior qualificada. Duração do curso: 3 anos (6 semestres). Carga horária: A carga horária total das disciplinas do curso é de horas sendo 200h de Atividades Complementares (acadêmico-científico-culturais) e 400h de Estágio Supervisionado. 19

20 6.1.5 Filosofia Objetivo: Formar profissionais habilitados para o exercício e prática docente despertando a reflexão filosófica, o pensamento inovador, crítico e independente. Levar a compreensão e a transmissão dos principais temas, problemas e sistemas filosóficos e reflexão crítica da realidade social em que o acadêmico se insere. Público Alvo: O Curso Licenciatura em Filosofia é oferecido a todos que tenham concluído o Ensino Médio ou equivalente, que desejem desenvolver habilidades e competências voltadas para promoção da reflexão filosófica, do pensamento inovador, crítico e independente junto à comunidade escolar em que atuarão. Duração do curso: 6 semestres Carga horária para ingressantes em 2008: 3050 horas sendo 400 horas para Estágio supervisionado e 200 horas para Atividades complementares. Carga horária para ingressantes em 2011: 2990 horas sendo 400 horas para Estágio supervisionado e 200 horas para Atividades complementares Serviço Social Objetivo: Formar bacharéis habilitados à prática profissional marcada pela capacidade técnica interventiva. Promover o exercício pleno da cidadania com engajamento criativo e propositivo prestando serviços sociais, orientando famílias, comunidades e instituições sobre direitos e deveres (normas, códigos e legislação), serviços e recursos sociais e programas de educação. Coordenar e avaliar planos, programas e projetos sociais em diferentes áreas de exercício profissional (seguridade, educação, trabalho, jurídico, habitação e outras), atuando nas esferas pública, privada e não governamental. Público Alvo: O curso de Bacharelado em Serviço Social é oferecido a todos que tenham concluído o Ensino Médio ou equivalente, que possuam sensibilidade para os problemas sociais e queiram enfrentá-los por meio dos instrumentos teórico-práticos apreendidos e reelaborados ao longo do Curso. Duração do curso: 4 anos (8 semestres). Carga horária: horas sendo 480 horas para Estágio supervisionado e 120 horas para Atividades complementares. 20

21 6.1.7 Curso Superior Tecnológico Gestão da Tecnologia da Informação Manual de Orientações Gerais para Discente Objetivo: Trabalhar de forma sistêmica as duas filosofias envolvidas: gestão de negócios e tecnologia da informação. Formar profissionais com conhecimentos e habilidades em ferramentas de tecnologias da informação que possuam como valor agregado a capacidade de desempenharem uma boa gestão alinhada ao melhor uso destas tecnologias disponíveis no mercado. Assim, o curso capacita o aluno a definir o Sistema de Informação a ser utilizado na gestão dos negócios de uma instituição, seja da área do comércio, indústria ou de serviços, pública ou privada, sempre buscando ótimo desempenho do custo/benefício. Público Alvo: O Curso Tecnólogo em Gestão da Tecnologia da Informação é oferecido a candidatos que tenham concluído o ensino médio ou equivalente, abrangendo os diversos setores da economia. Os concluintes dos Cursos Superiores de Tecnologia denominam-se "tecnólogos" e são profissionais de nível superior, especializados em segmentos de uma ou mais áreas profissionais e possuem habilitação para prosseguimento de estudos em nível de pós-graduação. Duração do curso: 2 anos e meio (5 semestres). Carga horária para ingressantes em 2008: horas sendo 80 horas para Atividades complementares e 200 horas para Estágio supervisionado. Carga horária para ingressantes em 2011: horas sendo 80 horas para Atividades complementares, 150 horas para Estágio supervisionado e 100 horas para Projeto Interdisciplinar Curso Superior Tecnológico Gestão Financeira Objetivos: O objetivo principal do Curso Superior de Tecnologia em Gestão Financeira é preparar o profissional para a atuação no mercado financeiro, tornando viáveis as operações das instituições, públicas ou privadas, resguardando os princípios éticos, sociais, culturais, políticos e econômicos que perpassam sua atuação profissional. Público alvo: O Curso Superior de Tecnologia em Gestão Financeira é oferecido a todos os alunos concluintes do Ensino Médio ou equivalente e aos profissionais interessados em diversificar a sua área de atuação. Duração: 4 semestres (2 anos) Carga Horária: 1920 horas sendo 80 horas para Atividades Complementares, 100 horas para Estágio Supervisionado e 80 horas para projeto Interdisciplinar. 21

22 6.1.9 Curso Superior Tecnológico Gestão de Recursos Humanos Manual de Orientações Gerais para Discente Objetivos: O curso Superior de Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos objetiva preparar o futuro profissional para identificar, por meio de métodos, técnicas e práticas modernas, a importância das pessoas no contexto de uma organização, tornando-o competente para atuar nos diversos subsistemas que integram a área de Recursos Humanos das empresas por meio de atividades éticas, responsáveis e empreendedoras. Assim, o Curso Superior de Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos tem como principal objetivo levar o aluno a compreender e administrar a forma como as empresas e os funcionários se relaciona. Público alvo: O Curso Superior de Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos é oferecido a todos os alunos concluintes do Ensino Médio ou equivalente e aos profissionais interessados em diversificar a sua área de atuação. Duração: 4 semestres (2 anos) Carga Horária: 1920 horas sendo 80 horas para Atividades Complementares, 100 horas para Estágio Supervisionado e 80 horas para projeto Interdisciplinar Curso Superior Tecnológico Secretariado Objetivos: No Curso Superior de Tecnologia em Secretariado, o aluno terá oportunidade de perceber diferentes visões e aspectos da organização, pública ou privada, em um ambiente de negócios competitivo visando desenvolver habilidades técnicas para atuação no mundo do trabalho. Desenvolver um conjunto de habilidades e de conhecimentos específicos desta prática profissional, em consonância com as mudanças mundiais, adequada à realidade brasileira e dentro dos princípios humanísticos que norteiam as práticas administrativas. Público alvo: O Curso Superior de Tecnologia em Secretariado é oferecido a todos os alunos concluintes do Ensino Médio ou equivalente, aos egressos do Curso Técnico em Secretariado e aos profissionais interessados em diversificar a sua área de atuação. Duração: 4 semestres (2 anos) Carga Horária: 1920 horas sendo 80 horas para Atividades Complementares, 100 horas para Estágio Supervisionado e 80 horas para Projeto Interdisciplinar. 22

23 Curso Superior Tecnológico Gestão de Marketing Objetivos: O curso Superior de Tecnologia em Marketing, amparado por ações didáticas e pedagógicas ativas, essenciais ao ensino e a pesquisa, pretende levar ao aluno a apreensão da complexidade da área de Marketing, de modo integrado, sistemático e estratégico, bem como de suas relações com o ambiente externo, possibilitando, assim, com que o futuro profissional adquira conhecimentos para lidar com modelos de gestão inovadores, articulando tal conhecimento com a atuação profissional e, sobretudo, com condições e competências para analisar o mercado e seu ambiente social, cultural, econômico e político. Público alvo: O Curso Superior de Tecnologia em Gestão de Marketing é oferecido a todos os alunos concluintes do Ensino Médio ou equivalente e aos profissionais interessados em diversificar a sua área de atuação. Duração: 4 semestres (2 anos) Carga Horária: 1920 horas sendo 80 horas para Atividades Complementares, 100 horas para Estágio Supervisionado e 80 horas para Projeto Interdisciplinar Curso Superior Tecnológico Negócios Imobiliários Objetivos: O Curso Superior de Tecnologia em Negócios Imobiliários do Centro Universitário UniSeb objetiva capacitar o aluno para a análise das condições mercadológicas do setor imobiliário, a identificação das oportunidades comerciais para o desenvolvimento regional e nacional, a elaboração de atividades de planejamento, operação e controle da comercialização de bens imóveis. O profissional graduado estará habilitado para atuar na indústria, na construção civil, em empresas imobiliárias, em administradoras de imóveis e condomínios, escritórios de corretagem, além de incorporadoras. Público alvo: O Curso Superior de Tecnologia em Negócios Imobiliários é oferecido a todos os alunos concluintes do Ensino Médio ou equivalente, aos profissionais do mercado imobiliário e demais profissionais interessados em diversificar a sua área de atuação. Duração: 4 semestres (2 anos) Carga Horária: 1920 horas sendo 80 horas para Atividades Complementares, 100 horas para Estágio Supervisionado e 80 horas para Projeto Interdisciplinar. 23

24 Curso Superior Tecnológico Gestão Comercial Objetivos: O Curso Superior de Tecnologia em Gestão Comercial do Centro Universitário UniSeb objetiva formar profissionais para atuarem como gestores comerciais, atentos as diferentes formas de intervenção (varejo, atacado, representação, etc), na indústria, no comerciais e na prestação de serviços, aptos a gerenciarem os negócios comerciais integrando-os com as demais áreas da organização com uma visão sistêmica e estratégica.. Público alvo: O Curso Superior de Tecnologia em Gestão Comercial é oferecido a todos os alunos concluintes do Ensino Médio ou equivalente e aos profissionais interessados em diversificar a sua área de atuação. Duração: 4 semestres (2 anos) Carga Horária: 1920 horas sendo 80 horas para Atividades Complementares, 100 horas para Estágio Supervisionado e 80 horas para Projeto Interdisciplinar. 6.2 Calendário Acadêmico

25 Janeiro Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Confraternização Universal (feriado nacional) Data-limite para pagamento de mensalidade escolar com 2 desconto por antecipação De 9 a Inscrições para o primeiro período de orientações de TCC da pósgraduação 27 De 16 a 20 De 16 a 20 Período para alunos do curso de Letras requererem o aproveitamento extraordinário em língua estrangeira e apresentarem o certificado TESE Prime. Período para alunos do curso de Filosofia requererem o aproveitamento extraordinário de estudos. 22 Processo seletivo de janeiro Data-limite para requerimento de transferência externa, vaga para portador de diploma, análise para aproveitamento de estudos, movimentação interna e retorno ao curso Data-limite para a coordenação do curso de Letras enviar à secretaria do Centro Universitário UNISEB Interativo a lista dos alunos que obtiveram aproveitamento extraordinário em língua estrangeira. 25

26 Fevereiro Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado * De 26/1 a 6/ Período de matrícula de alunos aprovados em movimentação interna de curso, portadores de diploma de curso superior e aprovados no processo de transferência Data-limite para pagamento de mensalidade escolar com desconto por antecipação Resultado do processo seletivo de janeiro e início do período de matrícula para os aprovados Divulgação de resultado das análises de transferência externa, vaga para portador de diploma de curso superior, aproveitamento de estudos, movimentação interna e retorno ao curso Data-limite para os coordenadores de curso do Centro Universitário UNISEB Interativo validarem para os alunos de Letras (língua estrangeira) e de Filosofia o aproveitamento extraordinário. Encerramento do período de matrícula para veteranos e candidatos aprovados no processo seletivo de janeiro Divulgação dos resultados dos pedidos de análise de 6 aproveitamento de estudos dos alunos aprovados no processo seletivo de janeiro De 6/2 a Primeiro período de orientações de TCC da pós-graduação 13/4 6 Início do primeiro semestre letivo 20 e 21 Carnaval (feriado nacional) Reinício, após as 12 horas, das atividades acadêmicas e 22 administrativas Início do período de orientações do Trabalho de Conclusão de 27 Curso (TCC) II Dias letivos: 6, 7, 8, 9, 10, 11, 13, 14, 15, 16, 17, 18, 22, 23, 24, 25, 27, 28 e 29 Total de dias letivos: 19 26

27 Março Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Data-limite para pagamento de mensalidade escolar com 1 desconto por antecipação Data-limite para solicitação de trancamento de matrícula dos 2 alunos matriculados até o início do módulo X.1 7 Início do período de realização das avaliações eletrônicas De 19 a Período para agendamento da avaliação presencial da pós- 30 graduação, que ocorrerá em 14/4 De 19/3 a Inscrições para o segundo período de orientações de TCC da pósgraduação 2/4 Término do período de realização das avaliações eletrônicas do 21 curso de Administração Término do período de realização das avaliações eletrônicas do 22 curso de Pedagogia e do CST em Secretariado Término do período de realização das avaliações eletrônicas do 23 CST em Gestão da Tecnologia da Informação e do CST em Negócios Imobiliários Colação de grau dos alunos que concluíram os cursos de 24 Administração e de Ciências Contábeis em 2011/2 25 Processo Seletivo de Março. Término do período de realização das avaliações eletrônicas dos 26 cursos de Letras e de Filosofia Término do período de realização das avaliações eletrônicas do 27 curso de Serviço Social e do CST em Gestão Comercial Término do período de realização das avaliações eletrônicas do 28 CST em Marketing e do CST em Gestão Financeira Término do período de realização das avaliações eletrônicas do 29 curso de Ciências Contábeis e do CST em Gestão de Recursos Humanos Dias letivos: 1, 2, 3, 5, 6, 7, 8, 9, 10, 12, 13, 14, 15, 16, 17, 19, 20, 21, 22, 23, 24, 26, 27, 28, 29, 30 e 31 Total de dias letivos: 27 27

28 Abril Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado De 6/2 Primeiro período de orientações de TCC da pós-graduação a 13/4 Data-limite para pagamento de mensalidade escolar com 2 desconto por antecipação Resultado do Processo Seletivo de Março e início do período de 4 matrículas para os aprovados. 6 Sexta-feira da Paixão (feriado nacional) 7 Recesso De 2 a 9 Período de matrícula de portadores de diploma e de transferências externas sem análise de aproveitamento de estudos Observação: o pedido de análise de aproveitamento de estudos pode ser realizado ao término do semestre vigente. De 9 a 11 Período para requerimento de prova substitutiva da pós-graduação De 9 a 13 Período de realização das avaliações presenciais 13 Encerramento do primeiro módulo do primeiro semestre 14 Realização da avaliação presencial da pós-graduação Colação de grau dos alunos que concluíram os cursos de 14 licenciatura (Pedagogia, Letras (português/inglês) e Letras (português/espanhol)) em 2011/2. 16 Início do módulo X.2 do 1º semestre 16 Realização da avaliação substitutiva da pós-graduação 16 Encerramento do período de matrícula para os candidatos aprovados no processo seletivo de março 16 Início do período para solicitação de trancamento de matrículas para os alunos ingressantes em março De 16/4 a 18/6 Segundo período de orientações de TCC da pós-graduação 28

29 21 Tiradentes (feriado nacional) Início do período de realização das avaliações eletrônicas de 23 dependência de todos os cursos e módulos De 24/4 Apresentações dos TCC da pós-graduação, elaborados durante o a 4/5 primeiro período de orientações 30 Recesso Dias letivos: 2, 3, 4, 5, 9, 10, 11, 12, 13, 14, 16, 17, 18, 19, 20, 23, 24, 25, 26, 27, 28 Total de dias letivos: 21 Maio Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dia do trabalho (feriado nacional) 2 Data-limite para pagamento de mensalidade escolar com desconto por antecipação 2 Data-limite para o trancamento da matrícula dos alunos ingressantes no processo seletivo de março Colação de grau dos alunos que concluíram os cursos de Serviço 5 Social, Filosofia e CST em Gestão da Tecnologia da Informação (em parceria com o Centro Universitário Newton Paiva), em 2011/2. 7 Término do período de realização das avaliações eletrônicas de dependência de todos os cursos e módulos De 7 a 11 Período para os alunos entregarem o material comprobatório de estágio, de todos os cursos e módulos, ao tutor presencial. 14 Início do período de realização das avaliações eletrônicas De 14 a Período para o tutor presencial analisar os materiais 18 comprobatórios de estágio, lançar as horas cumpridas e atribuir o conceito (suficiente/insuficiente). 16 Data-limite para a divulgação das notas das avaliações presenciais corrigidas em Ribeirão Preto 29

30 21 Data-limite para os polos enviarem para o núcleo de estágio os materiais comprobatórios de estágio, devidamente registrados. De 21 a Período de realização das avaliações presenciais de dependência 25 para todos os cursos e módulos De 21/5 Período para agendamento da avaliação presencial da pósgraduação, que ocorrerá em 16/6. a 1/6 De 28/5 Período para requerimento de prova substitutiva de dependência a 1/6 28 Término do período de realização das avaliações eletrônicas do CST em Gestão de Recursos Humanos e do curso de Ciências Contábeis 29 Término do período de realização das avaliações eletrônicas do CST em Marketing e do CST em Gestão Financeira Término do período de realização das avaliações eletrônicas do 30 curso de Serviço Social e do CST em Gestão Comercial Término do período de realização das avaliações eletrônicas dos 31 cursos de Letras e de Filosofia 31 Data-limite para o lançamento (pelos orientadores) das notas de TCC II Dias letivos: 2, 3, 4, 5, 7, 8, 9, 10, 11, 12, 13, 14, 15, 16, 17, 18, 19, 21, 22, 23, 24, 25, 26, 28, 29, 30 e 31 Total de dias letivos: 27 Junho Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado De 16/4 a 18/6 De 1 a 8 Segundo período de orientações de TCC da pós-graduação Período para requerimento de transferências externa e interna, vaga para portador de diploma, análise de aproveitamento de estudos e retorno ao curso 30

31 1 1 4 Data-limite para pagamento de mensalidade escolar com desconto por antecipação Término do período de realização das avaliações eletrônicas do CST em Gestão da Tecnologia da Informação e do CST em Negócios Imobiliários Término do período de realização das avaliações eletrônicas do CST em Secretariado e do curso de Pedagogia Término do período de realização das avaliações eletrônicas do 5 curso de Administração 7 Corpus Christie (feriado nacional) 8 Período para os tutores presenciais entregarem aos alunos as avaliações presenciais e as atividades avaliativas corrigidas do módulo 1 do 1º semestre. De 11 a Período de realização das avaliações substitutivas de dependência Lançamento das notas de Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) I (tutor presencial) e II (orientador) De 11 a 13 Período para requerimento de prova substitutiva da pós-graduação De 11 a 15 Período de realização das avaliações presenciais 15 Término do 2º módulo e encerramento do primeiro semestre letivo 15 Início do período de matrícula para os alunos veteranos 15 Início do período para solicitação de trancamento de matrícula 16 Realização da avaliação presencial da pós-graduação 17 Processo seletivo de junho De 18 a 22 Período de realização dos exames de dependência de todos os cursos e módulos De 18 a 22 Período para requerimento de prova substitutiva 18 Realização da avaliação substitutiva da pós-graduação Data-limite para os coordenadores de curso enviarem à secretaria 22 acadêmica os resultados das análises dos pedidos de transferências externa e interna, vaga para portador de diploma, análise de aproveitamento de estudos e retorno ao curso. 25 e 26 Período de realização das avaliações substitutivas dos módulos X.1 e X.2 31

32 De 26/6 Apresentações dos TCC da pós-graduação, elaborados durante o a 6/7 segundo período de orientações Resultado do processo seletivo de junho e início do período de 27 matrículas para os aprovados De 27/6 a 3/7 Período de realização dos exames Divulgação dos resultados das análises dos pedidos (dos polos e dos interessados) de transferências externa e interna, vaga para 29 portador de diploma, análise de aproveitamento de estudos e retorno ao curso Dias letivos: 1, 2, 3, 4, 5, 6, 8, 11, 12, 13, 14, 15 e 16 Total de dias letivos: 13 1º módulo do 1º semestre 2º módulo do 1º semestre Dias letivos: 56 Dias letivos: 48 Segunda: 9 Segunda: 8 Terça: 9 Terça: 8 Quarta: 10 Quarta: 9 Quinta: 10 Quinta: 8 Sexta: 9 Sexta: 8 Prova eletrônica: de 3 a 29 de março Prova eletrônica: de 14 de maio a 8 de junho Prova presencial: de 9 a 13 de abril Prova presencial: de 11 a 15 de junho Dias letivos: 107 Julho Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Data-limite para pagamento de mensalidade escolar com desconto por antecipação 32

33 De 2 a Inscrições para o terceiro período de orientações de TCC da pósgraduação 20 8 Processo seletivo de julho Resultado do processo seletivo de julho e início do período de 18 matrículas para os aprovados 18 Reunião do Conselho Consultivo Encerramento do período de matrícula para veteranos e candidatos 21 aprovados no processo seletivo de julho Divulgação do resultado das análises de aproveitamento de 21 estudos, apenas para alunos aprovados no processo seletivo de julho 23 Início do segundo semestre letivo Período para os tutores presenciais entregarem aos alunos as De 23 a avaliações presenciais e as atividades avaliativas corrigidas do 27 módulo 2 do 1º semestre. Dias letivos: 23, 24, 25, 26, 27, 28, 30 e 31 Total de dias letivos: 8 Agosto Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Data-limite para pagamento de mensalidade escolar com 1 desconto por antecipação De 1/8 Terceiro período de orientações de TCC da pós-graduação a 1/10 Encerramento do período de matrículas para os alunos aprovados 6 no processo seletivo de julho 10 Data-limite para solicitação de trancamento de matrícula Colação de grau dos alunos que concluíram os cursos de 11 Administração, de Ciências Contábeis, de Serviço Social e o CST em Gestão da Tecnologia da Informação, em 2012/1. 33

34 Divulgação de resultado das análises de transferência externa, vaga para portador de diploma de curso superior, análise para 13 aproveitamento de estudos, movimentação interna e retorno ao curso Início do período de orientações do Trabalho de Conclusão de 13 Curso (TCC) II 20 Início do período de realização das avaliações eletrônicas De 20 a 29 Período de inscrições para o 5º SICCOC Dias letivos: 1, 2, 3, 4, 6, 7, 8, 9, 10, 11, 13, 14, 15, 16, 17, 18, 20, 21, 22, 23, 24, 25, 27, 28, 29, 30 e 31 Total de dias letivos: 27 Setembro Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Data-limite para pagamento de mensalidade escolar com 1 desconto por antecipação 3 Início de realização das avaliações eletrônicas de dependência 3 Término do período de realização das avaliações eletrônicas do curso de Administração De 3 a 14 De 3 a 17 4 Período para agendamento da avaliação presencial da pósgraduação, que ocorrerá em 29/9. Inscrições para o quarto período de orientações de TCC da pósgraduação Término do período de realização das avaliações eletrônicas do CST em Negócios Imobiliários e do CST em Gestão da Tecnologia da Informação 34

35 Término do período de realização das avaliações eletrônicas dos 5 cursos de Letras e de Filosofia Término do período de realização das avaliações eletrônicas do 6 curso de Serviço Social e do CST em Gestão Comercial 7 Independência (feriado nacional) 8 Recesso Término do período de realização das avaliações eletrônicas do 10 CST em Marketing e do CST em Gestão Financeira Período para alunos do curso de Letras requererem o De 10 a aproveitamento extraordinário em língua estrangeira e 14 apresentarem o certificado TESE Prime. Término do período de realização das avaliações eletrônicas do 11 curso de Ciências Contábeis e do CST em Gestão de Recursos Humanos Colação de grau dos alunos que concluíram os cursos de 15 licenciatura em Letras (português/inglês e português/espanhol) e de Pedagogia em 2012/1. 16 Processo seletivo de setembro Data-limite para os polos enviarem os pedidos de aproveitamento 17 extraordinário em língua estrangeira TESE Prime. Término do período de realização das avaliações eletrônicas de 17 dependência De 24 a 26 Período para requerimento de prova substitutiva da pós-graduação De 24 a 28 Período de realização das avaliações presenciais Resultado do processo seletivo de setembro e início do período de 26 matrículas para os aprovados Encerramento do período de matrículas para os alunos aprovados 28 no processo seletivo de setembro 28 Encerramento do primeiro módulo do segundo semestre 29 Realização da avaliação presencial da pós-graduação Dias letivos: 1, 3, 4, 5, 6, 10, 11, 12, 13, 14, 15, 17, 18, 19, 20, 21, 22, 23, 25, 26, 27, 28, 29 e 30 Total de dias letivos: 24 35

36 Outubro Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Data-limite para pagamento de mensalidade escolar com desconto por antecipação De 1/8 a 1/10 Terceiro período de orientações de TCC da pós-graduação 1 Início do segundo módulo do segundo semestre 1 Realização da avaliação substitutiva da pós-graduação 1 Encerramento do período de matrículas para os alunos aprovados no processo seletivo de setembro 1 Início do período para solicitação de trancamento de matrículas para os alunos ingressantes em setembro De 1/10 a 3/12 Quarto período de orientações de TCC da pós-graduação De 8 a 11 Período de avaliações presenciais de dependência De 9 a 19 Apresentações dos TCC da pós-graduação, elaborados durante o terceiro período de orientações 12 Nossa Senhora Aparecida (feriado nacional) 13 Recesso De 15 a 19 Período para os alunos entregarem ao tutor presencial o material comprobatório de estágio. 16 Data-limite para a divulgação das notas das avaliações presenciais corrigidas em Ribeirão Preto 17 Data limite para solicitação de trancamento de matrículas para os alunos ingressantes em setembro De 18 a 22 Período para requerimento de prova substitutiva de dependência 19 Data-limite para o trancamento da matrícula dos alunos ingressantes no processo seletivo de setembro 36

37 De 22 a Período de realização das avaliações substitutivas de dependência Início do período de realização das avaliações eletrônicas De 29/10 a Período de exames de dependência de todos os cursos e módulos 1/11 Dias letivos: 1, 2, 3, 4, 5, 6, 8, 9, 10, 11, 15, 16, 17, 18, 19, 20, 22, 23, 24, 25, 26, 27, 29, 30 e 31 Total de dias letivos: 25 Novembro Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Data-limite para pagamento de mensalidade escolar com desconto por antecipação 2 Finados (feriado nacional) De 5 a 16 Período para agendamento da avaliação presencial da pósgraduação, que ocorrerá em 1/12. 6 e 7 5º SICCOC 12 Término do período de avaliações eletrônicas do curso de Ciências Contábeis e do CST em Gestão de Recursos Humanos 13 Término do período de avaliações eletrônicas do CST em Marketing e do CST em Gestão Financeira 14 Término do período de avaliações eletrônicas do curso de Serviço Social e do CST em Gestão Comercial 15 Proclamação da República (feriado nacional) 19 Término do período de avaliações eletrônicas dos cursos de Letras e de Filosofia 20 Término do período de avaliações eletrônicas do CST em Gestão da Tecnologia da Informação e do CST em Negócios Imobiliários 21 Término do período de avaliações eletrônicas do curso de Pedagogia e do CST em Secretariado 37

38 22 De 26 a 30 De 26 a 30 Término do período de avaliações eletrônicas do curso de Administração Período para requerimento de prova substitutiva da pós-graduação Período de realização das avaliações presenciais 30 Entrega das notas do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) I e II Dias letivos: 1, 5, 6, 7, 8, 9, 10, 12, 13, 14, 16, 17, 19, 20, 21, 22, 23, 24, 26, 27, 28, 29 e 30 Total de dias letivos: 23 Dezembro Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Data-limite para pagamento de mensalidade escolar com desconto por antecipação De 1/10 Quarto período de orientações de TCC da pós-graduação a 3/12 1 Realização da avaliação presencial da pós-graduação De 1 a Período para requerimento de prova substitutiva 5 Início do período para requerimento de transferências externa e interna, vaga para portador de diploma, análise para 3 aproveitamento de estudos, movimentação interna e retorno ao curso 3 Realização da avaliação substitutiva da pós-graduação De 5 a Período de realização das provas substitutivas 7 7 Encerramento do semestre 7 Início das matrículas para veteranos 38

39 8 Início do período de férias discentes 9 Processo seletivo 2013 De 10 a 14 Período de realização dos exames De 11 a 17 Apresentações dos TCC da pós-graduação, elaborados durante o quarto período de orientações 17 Divulgação do resultado dos exames 20 Resultado do processo seletivo 2012 e início do período de matrículas para os aprovados 25 Natal (feriado nacional) 1º módulo do 2º semestre 2º módulo do 2º semestre Dias letivos: 58 Dias letivos: 49 Segunda: 10 Segunda: 9 Terça: 10 Terça: 9 Quarta: 10 Quarta: 9 Quinta: 10 Quinta: 8 Sexta: 9 Sexta: 7 Prova eletrônica: de 20 de agosto a 10 de setembro Prova eletrônica: de 29 de outubro a 19 de novembro Prova presencial: de 24 a 28 de setembro Prova presencial: de 26 a 30 de novembro Dias letivos:

40 6.3 Sistema de Avaliação Avaliação constitui uma importante etapa do processo de ensino e aprendizagem, pois é por meio dela que o professor verifica e analisa como e quanto o aluno compreendeu o conteúdo ministrado. Além disso, a avaliação permite diagnosticar o seu desenvolvimento e aconselhar sobre ações para melhorar o seu desempenho. Muito mais do que uma forma de verificação do conhecimento é, também, uma oportunidade para auto-avaliação, imprescindível na sua formação acadêmica. Como sou avaliado no Centro Universitário UniSEB Interativo? Na metodologia do Centro Universitário UniSEB Interativo, você é avaliado por meio de vários instrumentos possibilitando que este processo seja diversificado. Veja abaixo os procedimentos avaliativos: Participação Eletrônica (PE) Objetivo: provocar no acadêmico interesse em participar do ambiente virtual de aprendizagem. Como? Cada disciplina terá sua avaliação na participação eletrônica separadamente com atribuição de nota de 0 a 10, peso 1. Instrumentos da PE: Fóruns e Materiais disponibilizados no ambiente virtual de aprendizagem para o auto-estudo, no link Minhas Atividades. 40

41 Fórum Avaliado por disciplina É considerada primeira postagem e as duas primeiras leituras com atribuição de nota de 0 a 10. Uma postagem valor: 2,5. Total: 2,5 pontos. Uma leitura valor: 2,5 cada. Total: 5,0 pontos. As demais postagens e leituras não são computadas Você poderá postar mais comentários e realizar várias leituras. O fórum é um espaço de debate que gera oportunidade de acessar análises feitas por outros alunos e desta forma aumentar sua capacidade argumentativa a respeito dos conceitos trabalhados em seu curso. Minhas Atividades Acesso aos Materiais No ícone do ambiente virtual de aprendizagem intitulado Minhas Atividades você encontrará materiais de auto estudo: Textos Atividades complementares (exercícios não avaliativos) Atividades avaliativas. Deverão ser feitos, no mínimo, dois acessos, valendo 1,25 cada. Total: 2,5 pontos. Os demais acessos não serão computados. Acessos inferiores a dois não computam pontos. Ao final do módulo será calculada eletronicamente a nota obtida no fórum e no acesso aos materiais para integrar o sistema de avaliação Avaliação Eletrônica (AE) Esta avaliação é composta por questões que envolvem todas as disciplinas que compõem o módulo. Engloba o conteúdo ministrado até a quinta semana de aula a partir do início do módulo. É realizada no ambiente virtual de aprendizagem dentro do período divulgado em calendário no quadro de avisos, portanto esteja atento para as datas, pois o acesso à prova será somente neste período. Você terá uma única avaliação eletrônica por módulo. Assim que acessar a prova é possível abrir o arquivo para imprimir e resolver os exercícios em casa antes de repassá-los para o sistema. Consulte o material impresso, suas anotações referentes às aulas interativas e assim que estiver com as respostas de acordo com o seu entendimento, preencha a prova pelo site e clique em 41

42 finalizar. A partir desta etapa você não poderá mais retornar no arquivo para efetuar alterações, portanto, finalize-a somente quando estiver certo das suas respostas. Ao finalizar é gerado imediatamente o resultado do seu desempenho. Após o encerramento da prova eletrônica, ficará disponível o gabarito. Essa avaliação vale de 0 a 10 e tem o peso 2. É importante destacar que não há prova substitutiva da avaliação eletrônica Participação nas Atividades (PA) Das atividades postadas pelo professor titular, no mínimo duas e no máximo cinco, são avaliativas. Estas atividades serão corrigidas pelo tutor presencial e deverão ser entregues em mãos dentro do prazo estabelecido pelo professor da disciplina. Cada disciplina terá suas atividades avaliativas separadamente, que valerá de 0 a 10 pontos, sendo que a soma da pontuação possui peso Prova Presencial (PP) É realizada uma única prova presencial por módulo. Ela contempla todo o conteúdo ministrado nas disciplinas do módulo. É aplicada no polo em que você está regularmente matriculado em data especificada no Calendário Acadêmico divulgado no ambiente virtual de aprendizagem O valor atribuído para esta avaliação é de 0 a 10 com peso 6. Será atribuída nota zero caso seja identificada a utilização de meios ilícitos ou não autorizados pelo professor interativo e tutor local na realização da prova presencial, dos exames ou de qualquer outra atividade. Cálculo da média: No cálculo acima você poderá notar que: nota da prova presencial (PP) multiplicada por 6 + nota de avaliação eletrônica (AE) multiplicada por 2 + nota de participação em atividades (PA) multiplicada por

43 nota de participação eletrônica (PE) multiplicada por 1 dividido por 10 A média para aprovação deverá ser 6,0 Caso você não atinja a média, ficará retido e precisará realizar o Exame Prova Substitutiva Em casos de impedimento de realização da Prova Presencial você poderá solicitar a prova substitutiva da presencial por meio de requerimento ONLINE, mediante pagamento de taxa dentro do prazo estipulado. A prova substitutiva será realizada ao final do semestre, conforme calendário acadêmico, em data específica para a sua realização, contemplando todo o conteúdo do módulo. Prazo para solicitação do requerimento: deverá ser feito dentro de 7 (sete) dias antes a data da Prova Substitutiva. É fundamental que o prazo seja respeitado Prova de Exame Se o aluno não atingir a média para aprovação no módulo estará automaticamente de Exame. A média a ser alcançada no Exame deverá ser maior ou igual a 5,0. A prova possui valor de 0 a 10. Cálculo da Média de Exame: No cálculo acima você poderá notar que: nota da Média 1 somada nota do exame dividido por 2 A média para aprovação deverá ser igual ou superior a 5, Dependência (DP) Você ficará em dependência caso não obtenha aprovação no módulo que estiver cursando, ou seja, por não ter alcançado a média mínima (6,0) ou por índice de freqüência nas aulas menor que o exigido por Lei Federal (75% de presença). Assim, você estará retido no módulo, devendo cursá-lo em regime de dependência. 43

44 O que é o Regime de Dependência? É a forma de você cursar os módulos em que ficou retido. O regime de dependência é feito totalmente on-line. Os slides das aulas e materiais permanecerão disponíveis durante o período de dependência no ambiente virtual de aprendizagem. Com a utilização do material impresso, você poderá se preparar para as provas eletrônicas e presenciais. As provas serão agendadas e divulgadas previamente, no quadro de avisos do AVA em datas específicas. É importante destacar que as provas das disciplinas em dependência não se sobrepõem a qualquer outra prova agendada dos cursos em andamento Quando o aluno cursa as Dependências? Para cursar a dependência, você deverá realizar a sua matrícula na mesma. Esta deverá ser realizada no período regular de matrículas definida em calendário acadêmico Quais são as regras de Dependência em Estágio Supervisionado Obrigatório? A dependência em estágio supervisionado obrigatório ocorre quando o aluno não cumpre a carga horária definida para cada módulo de estágio supervisionado obrigatório constante na matriz curricular do curso em que está matriculado. 1) Há percentuais para cumprimento de carga horária mínima definidos nos manuais de estágio supervisionado obrigatório para cada curso. Observe qual é o mínimo obrigatório que você deve fazer. Percentuais mínimos Obrigatórios: Pedagogia, Serviço Social e CST em Gestão da Tecnologia da Informação, CST em Marketing, CST em Recursos Humanos, CST em Gestão Financeira e CST em Secretariado, CST em Negócios Imobiliários e CST em Gestão Comercial no mínimo 20% da carga horária de cada módulo de estágio. Administração, Ciências Contábeis, Filosofia, Letras no mínimo 40% da carga horária de cada módulo de estágio. Se você não cumprir a carga horária mínima exigida em cada módulo de estágio supervisionado obrigatório, automaticamente estará em regime de dependência nesse módulo. 2) Se você cumprir a carga horária mínima obrigatória dentro do prazo mas não entregar o restante as horas faltantes até a data estabelecida para entrega no último módulo de Estágio 44

45 Supervisionado obrigatório previsto na matriz curricular também ficará em regime de dependência. 3) As horas que você fez no módulo de estágio supervisionado obrigatório em que foi reprovado poderão ser carregadas para a nova matrícula em regime de dependência. 3) É permitida a matrícula em módulo de estágio supervisionado obrigatório reprovado antes da integralização desde que haja mais de dois módulos de estágio supervisionado obrigatório na matriz curricular do curso. 4) É vedada a realização da carga horária total do estágio em um único semestre. 5) No final do módulo em que você está matriculado é obrigatória a apresentação dos relatórios e fichas das horas para o cumprimento desta atividade As avaliações do regime de dependência com exceção do Estágio Supervisionado Obrigatório são: Uma Prova Eletrônica com peso (PE) = 3. Uma Prova Presencial (PP) com peso = 7. Média para aprovação = 6,0 (seis). Cálculo para Média de Dependência: MD = PPx7+ AE x 3 6,0 10 No cálculo acima você poderá notar que: nota da prova presencial (PP) + nota de avaliação eletrônica (AE) dividido por 10 A média para aprovação deverá ser igual ou superior a 6, Prova Substitutiva da Dependência Se você perder a prova presencial de dependência por motivo justificável pode solicitar a prova substitutiva, por meio de requerimento ONLINE. O prazo para requerimento é de até 7 (sete) dias ANTES da data da prova presencial, mediante pagamento de taxa dentro do prazo estipulado. 45

46 Exame da Dependência Caso você não seja aprovado no Regime de Dependência será necessário realizar a prova de Exame da Dependência com nota de 0 a 10. Para calcular a Média do Exame da Dependência utiliza-se a seguinte expressão: MFD = Nota da Prova de Exame DP + MD (média da DP) > Como você pode ver na expressão é necessário alcançar média igual ou maior que 5,0 (cinco) para ser aprovado no Exame da Dependência. Caso não seja aprovado, você ficará retido no módulo tendo que cursá-lo novamente em regime de dependência. 6.4 Atividades Complementares O que são atividades complementares? São atividades previstas para efeito de integralização curricular propostas no decorrer do curso. Sua proposta está em consonância com o Projeto Pedagógico do Curso e das normas legais pertinentes (Diretrizes Curriculares), tendo a finalidade de enriquecer o processo de ensino e aprendizagem e a sua formação. É obrigatório cumprir as atividades complementares? As atividades complementares integram os currículos dos cursos de graduação do Centro Universitário UniSEB Interativo. Portanto é condição necessária para a colação de grau e deverá ocorrer durante o período em que o aluno estiver regularmente matriculado, excetuando-se eventuais períodos de trancamento. Como cumprir as atividades complementares? As Atividades Complementares poderão ser vivenciadas e desenvolvidas em qualquer semestre do curso. Devem ser realizadas em dias que não coincidam ou prejudique a aula interativa do seu curso, isto porque as atividades complementares não são consideradas uma justificativa para faltas nos módulos/disciplinas curriculares. 46

47 Onde podem ser desenvolvidas as atividades? As Atividades Complementares poderão ser desenvolvidas nos polos do Centro Universitário UniSEB Interativo quando forem promovidas atividades correspondentes às complementares ou em organizações públicas e privadas, que propiciem a complementação da formação do aluno, assegurando o alcance dos objetivos previstos. Quais atividades são consideradas complementares? Participação em eventos, atividades sócio-culturais, cursos de extensão, publicações, projetos de iniciação científica, disciplinas extracurriculares, trabalho voluntário, atividades extracurriculares, visitas técnicas, grupos de estudos, atividades on-line, atividades via satélite, atividades como vídeos ou DVD. O detalhamento destas atividades veja em tabela de atividades complementares. Qual a natureza destas atividades? Atividades consideradas acadêmicas (Congressos, Palestras, Seminários etc.) ou culturais que contribuam para o aprofundamento dos conceitos abordados na graduação. Filmes DVDs Mesmo atividades como peças de teatro ou filmes - DVD ou Cinema só serão consideradas como atividades complementares quando forem atividades especificamente indicadas pelo docente ou coordenador do curso que possuem um propósito pedagógico diretamente relacionado com a disciplina e conteúdos abordados. Como comprovar as atividades complementares? Todas as atividades devem possuir uma das seguintes formas de comprovação: certificados, relatórios, folha de freqüência, declaração, cópia de sumários. O documento original de participação deverá ser apresentado ao tutor presencial juntamente com duas cópias para serem arquivadas. Os relatórios devem seguir o modelo abaixo que é possível encontrar disponível no site entrando no ícone Atividades Complementares. 47

48 Veja abaixo o modelo de relatório para Atividades Complementares Manual de Orientações Gerais para Discente Relatório de Atividades Complementares ANO 2010 DADOS PESSOAIS Nome: Curso/Semestre: Polo: Matrícula: MODALIDADE Ex: Presencial ou a Distância ATIVIDADE Ex: Cursos de extensão, Atividades Sócio-Culturais, Participação em Eventos etc. DESCRIÇÃO DA ATIVIDADE Ex: Evento científico apoiado ou promovido pelo Centro Universitário UniSEB Interativo ou por outras Sociedades Científicas da área dos Cursos oferecidos pelo Centro Universitário UniSEB Interativo. (Encontro, Seminário, Congresso). Semana de Jornada. Ciclo de Palestras, Ciclo de Debates. Exposição, Feira, Mostra etc. INSTITUIÇÃO OU LOCAL DA ATIVIDADE Centro Universitário UniSEB Interativo, Unesp, Unicamp, USP, Feira Nacional do Livro etc. DATA 00/00/0000 CARGA HORÁRIA 0h de duração PARTICIPANTES /PALESTRANTES Prof Dr... * Preencher conforme a tabela de orientação das atividades complementares 48

49 Relatório detalhado. 1-Cronograma do Evento. (inserir as atividades por período realizadas no evento como palestras, mesa redonda, debates, exposições). 2-Tema abordado. (Literatura, Ética, Cidadania, Finanças, Globalização etc.). 3-Desempenho/Perfil das Coordenações, Grupos ou Palestrantes. (Ex: Formação do palestrante, como procedeu, qual foi o diferencial da sua apresentação, as contribuições etc.). 4-Conteúdo desenvolvido no evento. (Como o tema foi abordado, narrar detalhes do evento como citações etc.) 5-Opinião. (Demonstrar qual foi a contribuição do evento para sua formação profissional e pessoal). Veja a tabela com a equivalência das atividades? MODALIDADE ATIVIDADE DESCRIÇÃO DA ATIVIDADE TABELA DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES NÚMERO DE HORAS APRESENTADAS PELO ACADÊMICO E REGISTRADA PELO SISTEMA COMO O SISTEMA VALIDARÁ NÚMERO MÁXIMO DE HORAS POR CURSO Evento científico apoiado ou promovido pelo Centro Universitário UniSEB Interativo ou por outras Sociedades Científicas da área dos Cursos oferecidos pelo Centro Universitário UniSEB Interativo. (Encontro, Seminário, Congresso) De 1 a 8 horas do curso do acadêmico Acima de 8 horas do curso do acadêmico De 1 a 4 horas de outros cursos Acima de 4 horas de outros cursos Permanece a hora da atividade realizada Equivale a 8 horas Permanece a hora da atividade realizada Equivale a 4 horas Presencial e a Distância Participação em Eventos Jornada Acadêmica; Ciclo de Palestras, Ciclo de Debates De 1 a 8 horas do curso do acadêmico Acima de 8 horas do curso do acadêmico De 1 a 4 horas de outros cursos Permanece a hora da atividade realizada Equivale a 8 horas Permanece a hora da atividade realizada 66% Acima de 4 horas de outros cursos Equivale a 4 horas De 1 a 6 horas do curso do Acadêmico Permanece a hora da atividade realizada Exposição, Feira, Mostra, Museu Acima de 6 horas do curso do acadêmico curso Equivale a 6 horas De 1 a 3horas de outros cursos Permanece a hora da atividade realizada 49

50 Acima de 3 horas de outros cursos Equivale a 3 horas Atividades Sócio-Culturais Peças Teatrais, Recitais De 1 a 2 horas Acima de 2 horas Permanece a hora da atividade realizada 3% Equivale a 2 horas De 1 a 20 horas do curso do Acadêmico Permanece a hora da atividade realizada Cursos de extensão da FIC ou de outras IES Cursos na grande área do Curso Acima de 20 horas do curso do acadêmico curso De 1 a 10 horas de outros cursos Equivale a 20 horas Permanece a hora da atividade realizada 50% Acima de 10 horas de outros cursos Equivale a 10 horas Nivelamento Nivelamento promovido pela FIC Até 20 horas Permanece a hora da atividade realizada Acima de 20 horas Equivale a 20 horas 50% Libras (específica para o curso de GTI) Cursos Publicações Libras (específica para o curso de GTI) Capacitação, treinamentos, minicursos, oficinas na grande área do curso Publicação de artigos científicos (resumos não são considerados) De 40 horas De 1 a 20 horas Permanece a hora da atividade realizada Permanece a hora da atividade realizada Acima de 20 horas Equivale a 20 horas Cada artigo Publicado Equivale a 40 horas 50% 44% 66% Projetos de Iniciação Científica Projeto de Iniciação Científica na grande área do Curso, com duração mínima de 6 meses, sob orientação de professor do Centro Universitário UniSEB Interativo Cada projeto concluído Equivale a 15 horas 66% Disciplinas extracurriculares ( outro curso de graduação, mestrado e doutorado) Serão consideradas as disciplinas que contemplem a área geral do Curso em que o acadêmico está matriculado Cada disciplina cursada Equivale a 20 horas 22% Trabalho Voluntário Trabalhos voluntários (vinculado à grande área do curso) em projetos de extensão promovidos pelo Centro Universitário UniSEB Interativo ou outra Instituição ou Entidade Só serão considerados trabalhos com mais de 10 horas Equivale a 10 horas 22% Atividades extracurriculares Cursos de Língua Estrangeira, Informática (só serão considerados acima de 10 horas) De 10 a 30 horas do curso do Acadêmico Permanece a hora da atividade realizada 22% 50

51 Acima de 30 horas do curso do acadêmico curso De 10 a 20 horas de outros cursos Acima de 20 horas de outros cursos Equivale a 30 horas Permanece a hora da atividade realizada Equivale a 20 horas Visitas Técnicas Grupos de Estudos Visitas Técnicas orientadas pelo tutores locais ou profissionais da área Grupos de Estudos (no mínimo 08 reuniões por semestre) Cada visita técnica Equivale a 4 horas Cada semestre de grupo de estudo Equivale a 32 horas De 1 a 4 horas do curso do Acadêmico Permanece a hora da atividade realizada 36% Videoconferências, palestras promovido pelo Centro Universitário UniSEB Interativo Acima de 4 horas do curso do acadêmico De 1 a 2 horas de outros cursos Equivale a 4 horas Permanece a hora da atividade realizada 22% Atividades online Acima de 2 horas de outros cursos Equivale a 2 horas Quem supervisiona e acompanha a convalidação das Atividades Complementares? O polo de apoio presencial em que o aluno está regularmente matriculado é responsável pelo recebimento das certificações das atividades complementares, na qual o aluno participou. Uma cópia para ser arquivada na secretaria do polo e a segunda cópia o polo deverá enviar para a secretaria do Centro Universitário UniSEB Interativo. De posse dos comprovantes, o Tutor Presencial do curso deve fazer o lançamento das Atividades Complementares na ferramenta Atividades Complementares, disponibilizada no ambiente virtual de aprendizagem do Centro Universitário UniSEB Interativo. Como avaliar as atividades complementares? O Tutor Presencial do Curso deve examinar o documento comprobatório e verificar na Tabela de Pontuação das Atividades Complementares para deferir e registrar no ambiente virtual de aprendizagem o registro da atividade realizada pelo acadêmico. Qual a carga horária total que o aluno deverá atingir? Na matriz curricular de cada curso consta a carga horária a ser cumprida referente às atividades complementares. O acadêmico visualiza via internet o Boletim com a carga horária total já cumprida durante o curso e o saldo residual a ser cumprido no site do Centro Universitário UniSEB Interativo. 51

52 Qual o prazo estabelecido para efetuação das atividades? A carga horária de atividades complementares está expressa na matriz curricular e deverá ser cumprida até a conclusão do curso. Sem o cumprimento da carga horária dentro do prazo de conclusão o aluno não obtém o grau. São válidas as atividades realizadas no período que antecede o ingresso do aluno na faculdade? Não são válidas atividades que antecedem o ingresso do aluno no Centro Universitário UniSEB Interativo. Qualquer atividade anterior à efetivação da matrícula do aluno nesta instituição não será contemplada. As horas de estágio equivalem às horas das atividades complementares? Não, atividades complementares e estágio são procedimentos curriculares distintos e obrigatórios para a conclusão do curso superior. Como recebo as certificações das atividades proporcionadas pelo CENTRO UNIVERSITÁRIO UNISEB INTERATIVO? Após o evento, o polo deverá encaminhar ao Centro Universitário UniSEB Interativo todas as listas de presença com confirmação dos participantes. Os certificados serão confeccionados após o recebimento de todas as listas e posteriormente serão disponibilizados na página principal do site (Ícone Certificações) para acesso e impressão. 6.5 Estágio O que é estágio? Estágio é uma parte prática da etapa escolar que orienta e permite ao estudante a aplicação dos conhecimentos teóricos, por meio da vivência em processos de trabalho, em situações reais do exercício da futura profissão. 52

53 Quais são os tipos de estágio? Existem dois tipos de estágios: o estágio supervisionado obrigatório (curricular) e o estágio não obrigatório (extracurricular). A. Estágio supervisionado Obrigatório: possui carga horária definida e está incluso na matriz curricular que você deverá cumprir para a colação de grau no curso em que estiver matriculado. Será realizado na comunidade em geral ou junto às pessoas jurídicas de direito público ou privado, sob responsabilidade da coordenação designada na instituição de ensino. Nesta modalidade, não há obrigatoriedade em se firmar convênio com as instituições, mas o Termo de Compromisso é indispensável. B. Estágio Extracurricular, não obrigatório: de caráter opcional. Constitui oportunidade para que o futuro profissional adquira novas experiências no mercado de trabalho e complementação da formação profissional, podendo possibilitar o acesso ao mercado de trabalho sem vínculo empregatício, mas com remuneração. Qual legislação ampara o estágio? I. Lei nº 6494, de 7 de dezembro de 1977 II. Decreto n , de 18 de agosto de 1982, regulamenta a Lei 6.494; III. Lei n o , de 25 de setembro de 2008 Quais são os setores responsáveis pelo estágio? O setor responsável pelo estágio é o Núcleo de Estágio do Centro Universitário UniSEB Interativo e as coordenações dos cursos juntamente com o professor de estágio de cada curso. O Núcleo é um órgão de apoio didático-pedagógico e tem a finalidade de organizar, acompanhar e colaborar com a execução das atividades de estágio supervisionado obrigatório que serão realizadas pelos alunos dos cursos ofertados no Centro Universitário UniSEB Interativo. SAIBA MAIS SOBRE AS NOMENCLATURAS UTILIZADAS Estagiário: é o aluno regularmente matriculado e que frequenta curso compatível com a área de estágio, estando apto para o desenvolvimento de atividades que integrem a programação curricular e didático-pedagógica de cada curso. Unidade concedente de estágio: pessoas jurídicas de direito privado e os órgãos da administração pública direta, autárquica e fundacional de qualquer dos Poderes da União, dos Estados, do Distrito 53

54 Federal e dos Municípios, bem como profissionais liberais de nível superior devidamente registrados em seus respectivos conselhos de fiscalização profissional que apresentem condições para o desenvolvimento do estágio. Agente de integração: são parceiros das instituições de ensino superior e dos alunos, atuando no sentido de identificar as oportunidades de estágio junto às empresas jurídicas de direito público e privado. Facilitam o ajuste das condições de estágio, prestam serviços administrativos de cadastramento de alunos e co-participam, com a instituição de ensino, no esforço para captação de recursos para viabilizar estágios aos alunos. Interveniente: é a instituição de ensino superior na qual o aluno encontra-se matriculado, responsável pela homologação do estágio, mediante avaliação das condições de sua realização. Coordenador: é o coordenador do curso de graduação freqüentado pelo aluno. Orientador: é o professor orientador da disciplina de estágio. Supervisor: é a pessoa da unidade concedente responsável em acompanhar, avaliar e supervisionar o estagiário durante a realização das atividades no local do estágio. Co-orientador: tutor local, que auxilia o orientador da disciplina de estágio na orientação dos alunos Estágio Supervisionado Obrigatório Estágio Supervisionado obrigatório é um componente curricular obrigatório que o aluno deve cumprir para a obtenção do título de graduado no curso em que estiver matriculado. Considera-se estágio supervisionado obrigatório, as atividades de aprendizagem social, profissional e cultural, proporcionados ao estudante pela participação em situações reais de vida e trabalho de seu meio, sendo realizada na comunidade em geral ou junto a pessoas jurídicas de direito público ou privado, sob responsabilidade da coordenação designada na instituição de ensino. Quem cumprirá o estágio supervisionado obrigatório? Todos os alunos que frequentarem cursos de licenciatura, bacharelado e tecnológico deverão cumprir o estágio supervisionado obrigatório. Quando iniciará o estágio supervisionado obrigatório? Cada curso possui suas especificidades e você poderá visualizar e acompanhar na matriz curricular de seu curso o período de início do estágio supervisionado obrigatório. 54

55 Qual será a carga horária do estágio supervisionado obrigatório? Você deverá acompanhar a matriz curricular na qual está matriculado e no guia do curso. Se as dúvidas permanecerem entre em contato com a Central de Relacionamento. Veja as formas de contato ao final deste Manual. Qual será o local para cumprir o estágio supervisionado obrigatório? Para os cursos de licenciatura, o estágio supervisionado obrigatório deverá ser cumprido em escolas públicas ou privadas oficializadas pelo MEC, além dos demais locais em que o aluno poderá efetuar atividades do estágio. Para os demais cursos (bacharelados e tecnológicos), o aluno deverá cumprir em empresas do setor público ou privado. Observação: tanto os cursos de licenciatura, quanto os demais cursos, deverão estar atentos às observações e orientações específicas repassadas pelos professores do módulo por meio do ambiente virtual de aprendizagem AVA. Quais serão os documentos solicitados para o estágio supervisionado obrigatório? Os documentos solicitados serão: uma carta de apresentação, um modelo de plano de atividades, um modelo de convênio (não obrigatório) e um termo de compromisso de estágio. Quais serão os passos para o estágio obrigatório? Passo 1 Carta de Apresentação Você deverá solicitar na secretaria do Polo ou com o Tutor Presencial a carta de apresentação para o estágio e, assim, encaminhar a autorização ao diretor da empresa ou instituição para estagiar na unidade. Passo 2 Convênio (não obrigatório) O convênio é o documento que formalizará a parceria realizada entre a unidade concedente (local que estagiará) e o Centro Universitário UniSEB. É uma proposta que apresentamos para as empresas ou instituições em que serão efetuados os estágios, a fim de gerar oportunidades no mercado de trabalho para nossos alunos. Quando você levar a carta de apresentação, e o representante legal autorizá-lo a realizar o estágio, é possível que este solicite um convênio com o Centro Universitário UniSEB Interativo. 55

56 Passo 3 Termo de Compromisso de Estágio (obrigatório) Segundo a Lei N.º de 25 de setembro de 2008 é dever da Instituição de Ensino e da Unidade Concedente firmar este documento que é um vinculo não empregatício para a realização do estágio. Todas as etapas anteriormente apontadas serão a seguir descritas. 1. CARTA DE APRESENTAÇÃO (Retirar na Secretaria do Polo) 2. CONVÊNIO (NÃO OBRIGATÓRIO) 3. TERMO DE COMPROMISSO DE ESTÁGIO (OBRIGATÓRIO) Convênio (Não Obrigatório) Caso a empresa/escola solicite o convênio (parceria) com o Centro Universitário UniSEB Interativo, você deverá clicar na pasta de Estágio. Posteriormente clicar no link indicado para fazer a solicitação do Convênio e preencher os dados no link. 56

57 Após 20 (vinte) dias você deverá retirar na Secretaria do Polo de apoio presencial o convênio em 2 vias, solicitar a assinatura dos documentos para a Unidade Concedente, entregar uma via para a Unidade Concedente e uma via para a Secretaria do seu polo de apoio presencial. Termo de Compromisso de Estágio (obrigatório) Após o deferimento por parte da unidade concedente para iniciar o estágio, você deverá entrar no ambiente virtual de aprendizagem para solicitar a emissão do Termo de Compromisso. Para tanto, você deverá clicar no link estágio: Posteriormente clicar no link indicado para fazer a solicitação do Termo de Compromisso. 57

58 Preencher os dados solicitados pelo sistema da seguinte forma: O ALUNO VERIFICA O MÓDULO CORRETO DA SOLICITAÇÃO DO ESTÁGIO 58

59 SE A EMPRESA TIVER CADASTRADA O ALUNO VAI PROCURAR AQUI PARA CADASTRAR A EMPRESA OU ESCOLA CLIQUE: CADASTRAR EMPRESA QUANDO O ALUNO ESCOLHE ESSE ITEM ABRE UM CAMPO PARA ÍNSCRIÇÃO FUNCIONAL: 59

60 O ALUNO VAI PREENCHER SE TERÁ BENEFÍCIO OU NÃO Manual de Orientações Gerais para Discente PREENCHER CORRETAMENTE, PRINCIPALMENTE O CPF DO SUPERVISOR. 60

61 Exemplo: Vigência de 07/09/2009 à 07/12/ horas diárias, 15 horas semanais: DATA DE VIGÊNCIA É NECESSÁRIO CLICAR NESSES QUADADRINHOS PARA SELECIONAR OS DIAS DA SEMANA CLICANDO NESTE ÍCONE O CONTRATO PODERÁ SER REVISADO, E CASO TENHA ALGUM ERRO PODERÁ SER MODIFICADO!! 61

62 É NECESSÁRIO DESCER A BARRA DE ROLAGEM ATÉ O FINAL PARA CONFIRMAR A SOLICITAÇÃO DE ENVIO E APARECER O NÚMERO DE PROTOCOLO 62

63 Este sistema irá gerar um documento que será assinado digitalmente pelo Pró-reitor de Educação a Distância do Centro Universitário UniSEB Interativo. Você, aluno, deve imprimir três vias do referido documento e seus anexos (Plano de Atividades e Calendário Acadêmico), levar na unidade concedente para o representante legal assinar e rubricar todas as páginas. Em seguida deixa uma cópia com este representante, encaminha outra cópia para o Núcleo de Estágio em Ribeirão Preto e guarda a terceira cópia consigo. Observação: Este documento será o vínculo não empregatício realizado entre você, a unidade concedente em que estagiará e o Centro Universitário UniSEB Interativo. Em nenhuma hipótese, o polo ou qualquer representante do mesmo estará autorizado a assinar o convênio e o contrato de estágio. Esta função cabe apenas ao representante legal do Centro Universitário UniSEB Interativo. Após enviar uma via ao Núcleo de Estágio através dos correios para o endereço: Avenida Maurílio Biaggi, 2103 CEP Ribeirão Preto, você deverá entrar no sistema e inserir o número do Aviso de Recebimento AR dos Correios. 63

64 Termo de Compromisso com o modelo da Empresa/ Escola. PARA REALIZAR O UP LOAD DO MODELO DA EMPRESA/ESCO LA O ALUNO DEVERÁ RECUSAR O TERMO DE COMPROMISSO 64

65 O ALUNO VAI JUSTIFICAR A RECUSA DO TERMO DE COMPROMISSO NO CAMPO PROCURAR ELE VAI ANEXAR O MODELO DA EMPRESA E ENVIAR. O DOCUMENTO VAI DIRETO PARA O JURÍDICO DA FIC, DEPOIS É SÓ AGUARDAR A RECUSA OU O ACEITE DO DEPARTAMENTO Como o aluno comprovará a realização do estágio supervisionado obrigatório? Você comprovará por meio dos seguintes documentos comprobatórios: ficha de registro de frequência, plano de atividades e relatórios parciais e finais. Para o preenchimento correto desses documentos, você deverá seguir as orientações do seu professor. Ele deverá preencher a ficha de registro de frequência do estágio supervisionado obrigatório, disponível no ambiente virtual de aprendizagem para colher diariamente assinaturas do supervisor de estágio do local. Além disso, os relatórios também estarão disponíveis no ambiente virtual de aprendizagem pelo seu professor. Como será feita a entrega dos relatórios do estágio curricular obrigatório? De acordo com as orientações específicas das coordenações de curso, ao término de cada módulo de estágio o aluno deverá entregar o relatório das atividades propostas juntamente com as fichas comprobatórias para o tutor presencial de cada curso. Os relatórios parciais podem ser referentes ao cumprimento total da carga horária do módulo de estágio no qual está matriculado ou podem ser referentes ao cumprimento da carga horária mínima de acordo com os percentuais definidos para cada curso. 65

66 Como será a avaliação do estágio curricular obrigatório? Os relatórios de cada atividade proposta serão avaliados pelo tutor presencial do polo em que o aluno estará regularmente matriculado. As fichas serão encaminhadas para o Núcleo de Estágio do Centro Universitário UniSEB Interativo em Ribeirão Preto, que realizará a conferência da carga horária cumprida. Observação: o resultado da avaliação do estágio supervisionado estará disponível para você somente após as fichas serem conferidas pelo Núcleo de Estágio do Centro Universitário UniSEB Interativo. A avaliação do aluno levará em conta seu desempenho na realização do estágio e na elaboração dos relatórios parciais e finais das atividades realizadas: Os relatórios serão avaliados como suficientes ou insuficientes. A avaliação dos relatórios valida as horas cumpridas naquele semestre. Será considerado suficiente o relatório parcial que cumprir o percentual obrigatório definido em manual específico do curso das atividades previstas e horas realizadas em cada etapa de estágio supervisionado obrigatório, bem como das orientações para a elaboração do relatório. Os percentuais a serem cumpridos possibilitarão aos alunos a integralização da carga horária até a última etapa do módulo de estágio supervisionado obrigatório previsto na matriz curricular do curso. Caso os percentuais obrigatórios não sejam cumpridos o aluno estará automaticamente em regime de dependência. Saiba quais são os percentuais: - Pedagogia, Serviço Social e CST em Gestão da Tecnologia da Informação, CST em Marketing, CST em Recursos Humanos, CST em Gestão Financeira e CST em Secretariado no mínimo 20% da carga horária de cada módulo de estágio. - Administração, Ciências Contábeis, Filosofia, Letras no mínimo 40% da carga horária de cada módulo de estágio. Na avaliação de cada etapa do estágio supervisionado obrigatório, será considerado aprovado o acadêmico que cumprir o total de horas da referida etapa do estágio supervisionado obrigatório, validada pelos relatórios avaliados como suficientes. Os alunos que realizaram apenas a carga horária mínima obrigatória deverão entregar as horas faltantes até a data estabelecida para entrega do último módulo de estágio previsto na matriz curricular. A carga horária referente ao último módulo de estágio deve ser cumprida integralmente, não sendo válida a realização parcial destas horas como no(s) 66

67 módulo(s) anterior (es). Neste caso, o aluno ficará em regime de dependência e no semestre seguinte deverá se matricular neste módulo Estágio Extracurricular (não obrigatório) O estágio não obrigatório é uma oportunidade que você tem de vivenciar e experimentar a realidade prática da profissão que escolheu. Através do estágio não obrigatório o aluno confronta a teoria estudada com a realidade diária no campo de atuação, permitindo um aprimoramento dos seus conhecimentos. Quando se iniciará o estágio não obrigatório? Para iniciar o estágio você deve estar regularmente matriculado e identificar empresas ou instituições que aceitam estagiários. Este estágio poderá ser iniciado a partir do momento em que você estiver regularmente matriculado no curso de graduação ou de acordo com as especificações de cada curso. No Guia do Curso, disponível no Ambiente Virtual de Aprendizagem no ícone Guias e Manuais você saberá em que momento do seu curso você poderá realizar o Estágio Extracurricular (não obrigatório). Quais serão os documentos necessários para o estágio não obrigatório? Os documentos necessários serão: termo de convênio (02 vias) assinado entre a empresa e a instituição de ensino (não obrigatório); termo de compromisso (03 vias) assinado pelo aluno, pela empresa e pela instituição de ensino (obrigatório); plano de atividades (03 vias) assinado pelo aluno, supervisor e professor orientador. Saiba que a cada 6 (seis) meses será necessário entregar um relatório de estágio. Termo de convênio: trata-se de acordo jurídico de cooperação realizado entre a instituição de ensino e a unidade concedente do estágio. Não é obrigatório. Termo de compromisso: é um documento que estabelece as particularidades do estágio e do estagiário, bem como os dados do aluno, o período de vigência, a carga horária e as atividades desenvolvidas durante o estágio. 67

68 Plano de atividades: é um anexo do termo de compromisso que descreve as atividades realizadas durante o período de estágio, sendo também elaborado pela empresa em que o acadêmico realizará estágio. Termo aditivo: é o aditamento ao termo de compromisso quando este sofre alguma alteração, como a prorrogação da vigência ou a alteração da carga horária. Qual será a carga horária máxima permitida para realizar estágio? Tanto para o estágio obrigatório quanto para o não obrigatório a carga horária será de 6 (seis) horas diárias e 30 (trinta) horas semanais, ou segundo 1º do artigo 10 da Nova Lei de estágio: o estágio relativo a cursos que alternam teoria e prática, nos períodos em que não estão programadas aulas presenciais, poderá ter jornada de até 40 (quarenta) horas semanais, desde que isso esteja previsto no projeto pedagógico do curso e da instituição de ensino. Onde encontrar vagas de estágio? As vagas de estágio serão divulgadas no site Além disso, você encontrará vagas em sites de agentes de integração (CIEE, IEL, NUBE, entre outros), periódicos como jornais e revistas, site de empresas, e também sites especializados em estágio. Quanto tempo o aluno poderá permanecer no estágio? De acordo com a legislação, você poderá realizar o estágio por até 24 (vinte e quatro) meses na mesma unidade concedente. Como será a remuneração do estágio? No caso do estágio obrigatório as empresas não serão obrigadas a pagar os seus estagiários, mas geralmente oferecem uma ajuda de custo chamada de bolsa-auxílio. Esta bolsa não deverá ser confundida com um salário, pois, como o estágio não gera vínculo empregatício, o aluno-estagiário não terá os mesmos direitos de um funcionário convencional registrado pela CLT. Porém, o valor da bolsa-auxílio, a adição de benéficos ficará a critério de cada empresa e do estagiário aceitar ou não as condições oferecidas. Já no caso do estágio não obrigatório a unidade concedente deverá conceder bolsa-auxílio ao aluno. 68

69 Como será feito o recolhimento de imposto de renda? Se o valor da bolsa-auxílio for superior à faixa de isenção da Tabela do IRRF Imposto de Renda Retido na Fonte, o aluno deverá pagar o imposto, por se tratar de pagamento efetivado pela unidade concedente, o qual é retido pela própria empresa. Como será feita a rescisão do estágio? De acordo com as leis vigentes, o estágio não gera vínculo empregatício, portanto, qualquer uma das partes poderá, a qualquer momento, rescindir o contrato uma vez que o termo de compromisso apresenta cláusulas flexíveis. No caso do contrato ser rescindido pela empresa ou pela instituição de ensino, será necessário que elas emitam uma carta informando o motivo do cancelamento do termo de compromisso do estagiário. Mas, no caso do cancelamento ser solicitado pelo aluno, deverá ser apresentado à unidade concedente e à instituição de ensino uma carta escrita e assinada por ele, informando o motivo pelo qual está deixando o estágio. Além disso, deverá ser emitido e assinado um termo de rescisão caso o Termo de Compromisso de Estágio esteja em vigência. Agentes de integração O Centro Universitário UniSEB COC possuem convênio com os principais agentes de integração em todo o Brasil, tais como: CIEE, NUBE, IEL, ACIPI (Piracicaba), INSTITUTO EXCELLENCE (Vitória - ES), RH SELLER (Santa Catarina). O estágio não obrigatório poderá ser validado como estágio obrigatório? Sim, desde que siga as exigências do estagio obrigatório, quais sejam: cumpri-lo nos semestres estabelecidos nas matrizes curriculares, cumprir o plano de atividades e obedecer aos trâmites burocráticos já explicitados. Os estágios não obrigatórios cumpridos fora do período definido na matriz curricular não poderão ser aproveitados. 69

70 6.6 Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC) O Trabalho de Conclusão de Curso - TCC constitui-se em parte integrante dos currículos dos cursos de graduação e em elemento indispensável para a obtenção do Grau, conforme preconiza a Legislação vigente, abrangendo a carga horária estabelecida nas matrizes curriculares dos Projetos Pedagógicos dos Cursos. Há dois módulos: Trabalho de Conclusão de Curso I e Trabalho de Conclusão de Curso II. Estes módulos foram organizados por meio de pré-requisito, isto é, somente será matriculado no Trabalho de Conclusão de Curso II quem for aprovado no módulo anterior (TCC I). O TCC é realizado em grupo. O que será considerado TCC para o Centro Universitário UniSEB Interativo? Os Trabalhos de Conclusão de Curso do Centro Universitário UniSEB Interativo terão o formato de artigo. Você encontrará também no site clicando no ícone Trabalho de Conclusão de Curso -TCC todas as informações e procedimentos baseados nas normas da Associação Brasileira de Normas e Técnicas (ABNT). Quando Iniciar? Tudo começa com o módulo de Trabalho de Conclusão de Curso I TCC I - que se constitui em pré-requisito para a etapa seguinte. Assim, no TCC I você deverá elaborar e entregar o Projeto de Pesquisa, cuja função é a preparação para a realização de um artigo científico no módulo de Trabalho de Conclusão de Curso II TCC II, bem como o esboço do referido artigo. No TCC II você continuará com a elaboração do artigo até a entrega final. Sendo assim, somente prosseguirá para o TCC II o acadêmico que entregar o projeto de pesquisa, o esboço do artigo e for aprovado no TCC I. Quem orienta o aluno a desenvolver o TCC? Componentes envolvidos na coordenação e orientação do Trabalho de Conclusão de curso: professor da disciplina de TCC; orientador e co-orientador, se necessário. Como o aluno será orientado? O processo de acompanhamento da orientação será efetivado por meio do ambiente virtual de aprendizagem. No TCC I haverá as Pré-orientações, que consistem em dois contatos de um pré-orientador e quatro plantões. 70

71 Pré-orientação 1: No período previsto no Cronograma de TCC I, o pré-orientador vai analisar os títulos e perguntas de pesquisa dos seus grupos para dar uma devolutiva comentando a viabilidade do tema e a pertinência da pergunta. Pré-orientação 2: O pré-orientador deverá analisar os projetos de Pesquisa postados na área de TCC e fornecer devolutivas sobre o mesmo, com orientações para iniciar o Artigo Científico. O grupo tem um prazo para seguir as orientações apresentadas e postar uma versão preliminar do artigo, com pelo menos quatro páginas. No TCCII serão atribuídos orientadores, os quais farão contato sistematicamente com os alunos por meio da área de TCC no ambiente virtual de aprendizagem TCC I A disciplina TCC I é composta de três fases distintas: A- Formação dos grupos. Os alunos devem preencher o Formulário de Formação de Grupos para TCC, disponível no AVA, na disciplina TCC I. Nesse formulário, os alunos devem indicar os nomes dos integrantes do grupo, escolher a Linha de Pesquisa, fornecer uma Pergunta de Pesquisa e um Título Provisório do artigo. Uma via impressa deste formulário deve ser entregue ao tutor presencial no polo. No Apêndice 1 há um exemplo do Formulário. O tutor presencial é responsável pelo cadastramento dos grupos no AVA, com base nos dados fornecidos no Formulário de Formação de Grupos para TCC. B - Projeto de Pesquisa. Em seguida ocorre a elaboração e entrega do Projeto de Pesquisa, de acordo com as normas de formatação presentes neste Manual. A entrega é feita por meio de uma versão impressa ao tutor do polo e o envio do arquivo em Word pela área de TCC no ambiente virtual de aprendizagem. No Apêndice 2 há um exemplo de Projeto de Pesquisa. C - Versão Preliminar do Artigo. A última etapa é a elaboração e entrega de uma versão preliminar do artigo com no mínimo três e no máximo quatro páginas. Esta versão consiste em um embrião daquilo que será o artigo no TCC II. A diferença em relação ao Projeto de Pesquisa (que também é um embrião do artigo), é que a estrutura e organização é de artigo e não de projeto de pesquisa. A Versão Preliminar sinaliza como o artigo vai ficar depois de finalizado. A entrega é feita por meio de uma versão impressa ao tutor presencial, no polo, e o envio do arquivo em Word pela área de TCC no AVA. No Apêndice 3 há um modelo de estrutura de Artigo Científico. O cumprimento das três etapas acima são imprescindíveis na disciplina TCC I. Alunos reprovados nessa disciplina não poderão se matricular na disciplina TCC II. 71

72 O Projeto de Pesquisa O projeto de pesquisa é a apresentação metodológica do que você pretende desenvolver em seu Trabalho de Conclusão de Curso. Ele ainda não é o seu Trabalho de Conclusão de Curso propriamente. O projeto apresenta todas as etapas que explicam o seu trabalho e não pode ser igual a outro. Veja abaixo a Estrutura do Projeto: 1. Dados de identificação: - Título do Artigo (deve ser claro e conciso e conter indicações do problema ou tópico a ser tratado). - Nomes dos Acadêmicos (membros do grupo): - Polo (nome do polo e cidade): - Curso: - Linha de Pesquisa 2. Justificativa A justificativa num projeto de pesquisa, como o próprio nome indica, é o convencimento de que o trabalho de pesquisa merece ser efetivado. Deve-se tomar o cuidado, na elaboração da justificativa, de não se tentar justificar as hipóteses levantadas, ou seja, tentar responder ou concluir o que vai ser buscado no trabalho de pesquisa. A justificativa exalta a importância do tema a ser estudado, ou justifica a necessidade de se levar a efeito tal empreendimento. Em suma: as razões pelas quais o grupo pretende desenvolver o projeto, informando se há conhecimento sobre o assunto e esclarecendo como o artigo que será desenvolvido pode contribuir para o avanço do tema escolhido. 3. Pergunta de pesquisa Cada grupo deverá formular uma pergunta de pesquisa, a qual diz o que os investigadores querem aprender. O objetivo é criar uma pergunta de pesquisa importante e que pode ser desenvolvida em um plano factível e válido tanto para os alunos quanto para o orientador. Uma Pergunta de pesquisa é a questão que o grupo pretende discutir, na forma interrogativa. É importante ressaltar o cuidado na formulação de uma pergunta adequada para um artigo científico, pois os alunos devem refletir se conseguirão os dados necessários para responder a pergunta de pesquisa e alcançar seus objetivos. 72

73 Exemplo: É realmente necessário que as instituições de ensino particulares invistam na capacitação de seus docentes em novas tecnologias educacionais? 4. Hipótese(s) Caso o seu projeto apresente hipótese(s), ela(s) deve(m) aparecer na sequência do texto. A(s) hipótese(s) anuncia(m) respostas possíveis à pergunta de pesquisa e serve(m) como eixo norteador dessa resolução. São os pressupostos iniciais do trabalho. 5. Metodologia Nesta seção, devem ser indicados, de forma resumida, quais serão os procedimentos e as técnicas utilizados (análise qualitativa, quantitativa, revisão bibliográfica, utilização de questionários, etc.). A metodologia é a explicação minuciosa, detalhada, rigorosa e exata de toda ação desenvolvida no trabalho de pesquisa. 6. Referências A seção com as referências dos documentos consultados para a elaboração do Projeto é um item obrigatório. Nesta seção é relacionada a literatura citada no projeto ou que será estudada durante o seu desenvolvimento. Nela normalmente constam os documentos, e qualquer fonte de informação, consultados no levantamento da literatura. A elaboração das Referências, deve seguir as normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas - ABNT. Mais informações: Para obter mais informações sobre o módulo de TCC I e sobre o projeto de pesquisa leia o Manual de TCC I disponível no ambiente virtual de aprendizagem TCC II Somente faz o TCC II quem for aprovado no módulo TCC I por meio da entrega do projeto de pesquisa e uma versão preliminar do artigo. Para ser aprovado em TCC II deve-se finalizar, de acordo com as orientações, o artigo já esboçado no módulo anterior (TCC I). 73

74 Etapas do TCC II As orientações do TCC II ocorrem exclusivamente pelo ambiente virtual de aprendizagem, através do ícone TCC (vide imagem abaixo). Na área de orientações o aluno envia mensagens e arquivos para o orientador. Toda interação aluno/orientador fica registrada nesta área. Atenção: Mensagens ou arquivos enviados por outros meios (Minhas Dúvidas, Envio de Materiais, telefone, , etc.) não serão considerados. A atividade de orientação ocorrerá em um período pré-determinado, de acordo com o calendário definido pela Coordenação do Curso, por meio de troca de mensagens e de arquivos entre o professor orientador e os alunos através da área de TCC no Ambiente Virtual de Aprendizagem.. Cada grupo deverá, obrigatoriamente, enviar ao seu orientador arquivos eletrônicos parciais periodicamente, para que seja avaliada e registrada a evolução e o desenvolvimento do TCC. Não serão aceitos trabalhos prontos, ou seja, sem que as etapas previstas tenham ocorrido. Artigo Científico A NBR 6022 é a norma da Associação Brasileira de Normas Técnicas que estabelece os elementos para a elaboração de artigo. Ela estrutura a apresentação do trabalho em elementos prétextuais (aqueles que antecedem o texto), textuais (onde há exposição do trabalho) e pós-textuais (aqueles após o texto e que complementam o trabalho). Para descrevê-los usaremos a referida norma (ABNT 16022, 2003). 74

75 Estrutura do Artigo: ELEMENTOS PRÉ-TEXTUAIS Título Autores - Nome Completo dos Alunos Curso/Turma Polo (nome e cidade) Orientador(a) - Nome completo com titulação Resumo - O resumo deve ser escrito de forma concisa, mencionando o tema abordado, os objetivos, a metodologia e os resultados alcançados no estudo. A digitação será realizada sem parágrafos e citações, com no máximo 250 palavras, em espaço simples. Palavras-chave: palavras centrais utilizadas ELEMENTOS TEXTUAIS Introdução: Nela o autor apresenta ao leitor uma visão geral do tema abordado. Deste modo, a introdução deve explicitar: o assunto de que se trata o objeto do estudo, o ponto de vista sob o qual o assunto foi abordado, as justificativas para a escolha do tema, bem como a pergunta e o objetivo de pesquisa. Desenvolvimento: É a parte mais extensa do trabalho e pode ser organizada em seções e subseções. Neste item, o grupo discorre acerca da fundamentação teórica, a metodologia, resultados e a discussão. Considerações Finais: Para finalizar o artigo é necessário apresentar uma análise do conjunto do estudo. Esta parte do texto deve ser breve e, se possível, apontar novos caminhos para futuros trabalhos na área do conhecimento estudado. ELEMENTOS PÓS-TEXTUAIS Referências - É a relação de todas as fontes efetivamente utilizadas e citadas no texto. Devem ser escritas em folha separada, em ordem alfabética única de sobrenome do autor. Anexos e Apêndices - São elemento opcionais, condicionados à necessidade, que consistem em texto ou documento que tem o objetivo de complementar, comprovar e ilustrar. Por Anexo deve-se entender material de outra autoria e Apêndice material de autoria própria. 75

76 Avaliação do TCC II O TCC será avaliado em função dos seguintes critérios: Temática (relevância, adequação e desenvolvimento) Linguagem (adequação, nível) Fundamentação teórica (uso, relevância, adequação e domínio) Metodologia (adequação e domínio) Formatação (adequação ao gênero e Normas - ABNT) Contato/Orientação (Participação na orientação e plantões) Cumprimento de prazos Ausência de plágio Obs.: Não há Prova Substitutiva nem Exame para o módulo de TCC, uma vez que ele possui avaliação diferenciada. Os trabalhos deverão seguir os seguintes modelos: I - MODELO DO PROJETO DE PESQUISA II - MODELO PARA FORMATAÇÃO DO TCC III - MODELO PARA APRESENTAÇÃO DE TCC ARTIGO Todos estes modelos estão disponíveis nos manuais de TCC I e TCC II no Ambiente Virtual de Aprendizagem, ícone Guias e Manuais. 6.7 Formação Complementar Em consonância com as diretrizes propostas no Projeto de Desenvolvimento Institucional (PDI) e no Projeto Político Pedagógico (PPI) do Centro Universitário UniSEB Interativo, a equipe pedagógica desta instituição Direção Acadêmica, Coordenação, Professores e Assessoria Pedagógica vêm desenvolvendo inúmeras ações para viabilizar o bom desempenho acadêmico dos alunos. Com vistas a melhorar o seu desempenho acadêmico, oferecemos a Formação Complementar composta pelos cursos de Nivelamento de Português, Matemática, EaD e Informática e as palestras de Formação Geral. Com curta duração, estes cursos possuem o objetivo de oferecer o aprofundamento das questões teórico-práticas que potencializam o seu aproveitamento na graduação e desenvolvem habilidades e competências relacionadas às grandes áreas do conhecimento. 76

77 Os cursos de Formação Complementar são oferecidos gratuitamente para alunos regularmente matriculados no Centro Universitário UniSEB Interativo. Para regularizar a matrícula nos cursos de Formação Complementar basta acessar o ambiente virtual de aprendizagem em Com a sua senha de aluno é possível visualizar este ícone abaixo referente à Formação Complementar. Neste espaço você poderá efetuar sua matrícula para os cursos ou palestras oferecidas:. A Formação Complementar ofertada poderá ser incluída em seu currículo e computada como atividades complementares, quando for indicada ou orientada pelos docentes e coordenadores de cursos. 6.8 Nivelamentos Os cursos de nivelamento são desenvolvidos para atender e preencher possíveis lacunas na formação que antecede o ensino superior, objetivando dar continuidade aos estudos, com qualidade. O nivelamento oportuniza a vocês, acadêmicos, uma revisão de conteúdos, proporcionando, por meio de estudos e de atividades, a apropriação de conhecimentos esquecidos ou não aprendidos. Muitos docentes constatam a carência de organização do pensamento, de sistematização das idéias, sobretudo na produção de textos, com erros gramaticais e ortográficos básicos, apresentando ainda outras falhas básicas no raciocínio matemático, dentre outros. Estes cursos se propõem a fornecer ferramentas ao ingressante oportunizando que este se sinta partícipe do meio universitário ao enxergar a instituição está envolvida com as deficiências de aprendizagem que ele carrega. Este mecanismo de nivelamento propicia um melhor aproveitamento dos cursos de graduação, desenvolvendo diferentes habilidades e, consequentemente minimizando os níveis de evasão escolar. Os cursos são oferecidos com carga horária de 40 (quarenta) horas/aulas, totalmente a distância, por meio do Ambiente Virtual de Aprendizagem com a utilização de um livro digital que contempla todo o conteúdo, 20 (vinte) vídeoaulas com duração 30 (trinta) minutos nas quais são discutidos os conteúdos do livro digital. Além disso, para que os estudantes acompanhem as vídeoaulas estão à disposição as aulas no formato de slides. A avaliação desses cursos ocorre contínua e permanentemente, considerando fundamentalmente a efetiva participação dos alunos em cada uma das atividades propostas. Você deverá acessar os materiais, livro digital, slides, textos complementares, assistir as vídeoaulas para 77

78 poder realizar a avaliação. Assim, ao final do seu percurso de estudo, curso você realiza uma avaliação eletrônica, com 20 (vinte) questões, que contemplam todo o conteúdo. Caso você obtenha média igual ou superior a 6,0 (seis), está aprovado. Com a aprovação, você tem acesso a um relatório de desempenho que certifica sua participação. Após a aprovação e certificação, as suas participações nos Cursos de Nivelamento poderão ser aproveitadas como atividades complementares, num total de 20 horas para cada um dos cursos. Veja a tabela de equivalência das Atividades Complementares para verificar qual é o percentual de nivelamento que poderá ser realizado Nivelamento em Língua Portuguesa A modernização das sociedades, o desenvolvimento tecnológico, a ampliação da participação social e política colocaram demandas cada vez maiores com relação às habilidades de leitura e escrita, com isso as necessidades sociais para a escrita e a leitura também se ampliaram. A questão, atualmente, não é mais apenas saber se as pessoas conseguem ou não ler e escrever, mas também o que elas são capazes de fazer com essas habilidades. Neste sentido, o curso de nivelamento em Língua portuguesa objetiva desenvolver e aprimorar as habilidades de leitura e escrita dos alunos; suprimir as dificuldades em relação à produção textual e a interpretação de textos e proporcionar aos estudantes revisão dos conhecimentos de língua portuguesa Nivelamento em Matemática Os estudos sobre o conceito de alfabetização e letramento incluem, atualmente, habilidades competências relacionadas a capacidade do individuo de calcular, operar logicamente números, realizar operações mentais, dentre outras. Assim, com o intuito de contribuir para minimizar as deficiências trazidas da educação básica o curso de nivelamento em matemática objetiva desenvolver e aprimorar as habilidades do conhecimento matemático dos alunos matriculados no Centro Universitário UniSEB Interativo; suprimir as dificuldades em relação ao raciocínio lógico e proporcionar aos estudantes revisão dos conhecimentos de matemática Nivelamento em Informática Quando o candidato opta por um curso oferecido a distância nem sempre tem intimidade com tecnologia e, sobretudo com as ferramentas informacionais disponíveis. Assim, com a preocupação de conduzir e acompanhar o acadêmico neste primeiro momento em que ingressa no modelo de ensino oferecido pelo Centro Universitário UniSEB Interativo é que foi proposto o nivelamento em informática. O contato com a área de conhecimento escolhida ao ingressar na Instituição ocorre em intersecção com que é apresentada ao ensino a distância. Por meio desse nivelamento a educação 78

79 a distância se deslinda na interface dos conhecimentos que são adquiridos referentes as questões teóricas e práticas do curso escolhido. Dessa forma, a inclusão digital é compreendida na prática. O curso foi desenhado por docentes que têm analisado e acompanhado as necessidades dos acadêmicos ingressantes na modalidade a distância, dividindo a proposta em 5 (cinco) módulos, a saber: Introdução à Microinformática, Microsoft Office Word, Microsoft Office PowerPoint, Microsoft Office Excel, Internet. que tem a introdução ao conceito de informática explicando o que é e como funciona o computador; introdução aos conceitos e funcionalidades básicas dos softwares Word, PowerPoint e Excel que mostra como o aluno poderá utilizar essas ferramentas para o apoio em suas atividades acadêmicas e profissionais; introdução à Internet explicando o que é, como funciona e mostrando alguns aplicativos/serviços úteis disponíveis nesta grande rede Nivelamento em Educação a Distância A partir da compreensão de que a tecnologia é necessária não apenas para a formação profissional, mas para a inclusão do indivíduo na chamada sociedade da informação e, ainda, que a tecnologia presente na sociedade deve ser uma constante nos processos de ensino e de aprendizagem para que cumpra também sua função de inclusão social e promoção da cidadania oferecemos o curso de Nivelamento em Educação a Distância que trata dos fundamentos da educação a distancia, aspectos históricos, utilização das tecnologias de informação e comunicação para fins educativos e como estratégia de gestão acadêmica. Dessa forma, entendemos por inclusão digital não apenas o acesso à computadores e a Internet, mas sim a utilização destes equipamentos com objetivos educacionais, culturais, sociais, dentre outros e é nesse sentido que o curso é proposto a todos os alunos. 7 Requerimentos e procedimentos: Secretaria / Financeiro Muitos dos procedimentos descritos abaixo estão explicitados e regulamentados no Contrato de Prestação de Serviços Educacionais. Por isso é fundamental que seja refeita a leitura do contrato sempre que necessário, averiguando as cláusulas correspondentes a cada item. 7.1 Requerimentos Para serem solicitados os requerimentos abaixo, deverão ser efetuados os pagamentos dos boletos bancários. Declaração de Escolaridade (emissão no polo) 79

80 Histórico Escolar (On-line) Programa de Disciplina (cada disciplina) 2ª via cartão de identificação do aluno Prova de Reposição (Prova substitutiva) Prova para Revisão (cada prova) Outros requerimentos: Apressamento de Diploma Requerimento de Análise Disciplina Prova em época especial Taxa única Qualquer outro tipo de requerimento que não conste na tabela acima mencionada não haverá custo. Dúvida sobre requerimentos podem ser esclarecidas na Central de Atendimento pelo endereço eletrônico telefone (16) ou pelo chat site 7.2 Freqüência e verificação de notas As notas e freqüências são lançadas pelo seu tutor presencial no ambiente virtual de aprendizagem. Para ser aprovado além de alcançar média, você deverá ter freqüentado 75% do Módulo. A falta coletiva implicará em lançamento de ausência para todos os alunos. A frequência às aulas e demais atividades escolares, permitida aos alunos matriculados, é obrigatória, sendo vedado o abono de faltas, salvo nos casos previstos em Lei e os regulamentados pelo conselho. A frequência mínima exigida em cada módulo é de 75%, computada nas aulas interativas. Não são aceitos atestados médicos de acompanhante, atestados de trabalho, atestados de cursos, comprovantes de viagem ou quaisquer outras justificativas para ausência. A leitura da cláusula 8º do contrato esclarece ressaltando que uma vez efetivada a matrícula, a não utilização pelo ALUNO dos serviços contratados, não o exime do pagamento das parcelas 80

81 contratadas. O aluno deverá realizar o pagamento do valor referente à carga já cursada 18(único) Reabertura de trancamento somente para alunos adimplentes; 19 (b). Leitura das cláusulas 18º e 19º, ressaltando o cumprimento das obrigações vigentes. - falta não exime o aluno de pagamento das mensalidades. - o valor cobrado é referente à disponibilização do serviço contratado e não do usufruto deste mesmo serviço. 7.3 Abono Apenas nos casos de atividade por prestação de Serviço Militar, doação de sangue (1 vez no semestre); convocação para integrar conselho de sentença em tribunal do júri e Serviços durante eleições serão considerados abono mediante requerimento solicitado no polo acompanhado de comprovação. Atestados de trabalho, atestados médicos de acompanhante, atestados de veterinários por doenças do bicho de estimação, certificados de cursos, comprovantes de viagem ou qualquer justificativa que não se enquadre no tópico de abono não serão consideradas. A legislação em vigor prevê abono de faltas nas seguintes situações: 1. No caso de alunos matriculados em Órgãos da Reserva, portanto ausentes por cumprimento obrigatório de prestação de atividades civis. 2. No caso de reservista do serviço militar, ser chamado para exercícios ou para cerimônia cívica do Dia do Reservista. 3. No caso de convocação para integrar o conselho de Sentença em tribunal do Júri ou para prestação de serviços durante as eleições. 4. No caso de doação de sangue, cuja falta pode ser abonada uma vez por semestre letivo. Procedimento - Aluno Você deverá solicitar por requerimento impresso na secretaria do Polo em que está matriculado, acompanhado de comprovação, em até três dias após a ocorrência do impedimento. No caso da impossibilidade de comparecer ao polo para fazer a solicitação, outra pessoa poderá levar o seu atestado e preencher o requerimento na Secretaria do Polo, que deve ser encaminhado logo após o período do início do afastamento. 81

82 Após a entrega do comprovante, aguardar o lançamento pelo tutor presencial. Abono em época de prova eletrônica e presencial: Se o abono ocorrer em época de prova é necessário que você solicite a prova substitutiva via requerimento online no portal do aluno. Desta forma será isento da taxa de pagamento. Você deverá solicitar por requerimento impresso na secretaria do Polo em que está matriculado, acompanhado de comprovação. O requerimento ONLINE deve ser realizado para que o nome do aluno conste na lista de presença para realização da prova. 7.4 Compensação de Ausência Enquadram-se nas compensações de ausência o acadêmico com afastamento acima de 10 (dez) dias e no máximo 45 (quarenta e cinco) dias, e acadêmicas afastadas por licença maternidade por 90 dias. O acadêmico deve preencher o requerimento impresso no polo, anexando o atestado médico original de doença infectocontagiosa ou que impeça a mobilidade (constando, de maneira legível, o código internacional de doenças CID) e uma cópia deste, que deve ser autenticada pelo polo e enviada para a Secretaria do Centro Universitário Uniseb Interativo. No caso de impossibilidade de comparecimento na secretaria do polo, para fazer a solicitação, outra pessoa poderá entregar o atestado, onde preenche o requerimento, que é encaminhado tão logo o início do afastamento. Procedimento para o acadêmico ao retornar do afastamento: Você tem uma semana após o término do período de afastamento para entregar os trabalhos de compensação de ausência. Caso você tenha perdido a prova presencial deverá realizá-la no prazo de uma semana após o seu retorno às aulas. Observações: Se desejar retornar às aulas antes de findar o período de impedimento constante no laudo médico inicial poderá fazê-lo mediante autorização médica ou quando declarar de próprio punho a responsabilidade de seu retorno antes do prazo. 82

83 No caso acima terá redução na quantidade dos trabalhos e exercícios domiciliares exigidos pela Compensação de Ausências às aulas. 7.5 Provas Substitutivas Solicite a prova substitutiva efetuando requerimento on-line na secretaria do Polo em que está matriculado. Será cobrada taxa da prova + tarifa bancária. Somente mediante o pagamento da tarifa o seu nome constará na lista da prova substitutiva 7.6 Transferência de Curso A transferência de curso só pode ser realizada entre cursos de uma mesma área. Somente por requerimento on-line é possível solicitar a transferência. Procedimento para o Aluno (Ambiente Virtual de Aprendizagem) Verificar prazo no calendário acadêmico para transferência. Verificar no polo se há o curso e módulo que você deseja transferir-se; Acessar a área do Aluno (ambiente virtual de aprendizagem) e/ou dirigir-se a secretaria do Polo. Clicar no ícone requerimentos e preencher o mesmo, indicando transferência e informando o curso desejado; A transferência não é automática, é necessária a análise da Coordenação de Curso para verificar a possibilidade; Na análise poderá haver dispensa de disciplinas; É necessário aguardar a análise e a informação sobre em qual semestre você será matriculado ou em quais módulos obterá dispensa. O retorno será dado via para o aluno e para o polo. Importante: Após realizar a transferência verificar se as frequências estão devidamente lançadas, pois o sistema poderá apresentar falhas ao realizar a alteração. 83

84 Caso as frequências não estejam lançadas avise ao tutor presencial para lançá-las novamente. Tabela de Área de Conhecimento definidas pelo MEC Ciências Exatas e da Terra Ciências Humanas Análise de Sistemas Adm. de Processamento de Dados Astronomia Ciência da Computação Engenharia Cartográfica Estatistica Física Geologia Informática Matemática Metereologia Oceanografia Processamento de Dados Química Técnicas Digitais Arqueologia Ciências Políticas e Sociais Ciências religiosas Ciências Sociais Diplomacia Estudos Sociais Filosofia Formação Professores/DISCCIP. ESP. 2ºGRAU/ ESQ Geografia História Pedagogia Prof. Part. E form. Espec. Currículo 2º grau Psicologia Relações Internacionais Teologia Ciências da Saúde Educação Física Enfermagem e Obstetricia Farmácia Fisioterapia Fonoaudiologia Medicina Musicoterapia Nutrição Odontologia Ortóptica Prof. Manut e oper. Aparelhos Méd. Hosp. Prótese Maxilo-Facial Psicomotricidade Radiologia Terapia Ocupacional Lingüística, Letras e Artes Artes Cênicas Artes Plásticas Belas Artes Composição de Interiores Dança Decoração Desenho e Plástica Educação Artística Letras Lingüística Música Tradutor Ciências Sociais Aplicadas Administração Administração Rural Arquitetura e Urbanismo Arquivologia Engenharia/ Tecnologia Automatização Industrial Construção Civil Curtumes e Tanantes Eletricidade 84

85 Artes Práticas Biblioteconomia Ciências Agrícolas Ciências Autuarias Ciências Contábeis Ciências Econômicas Ciências Imobiliárias Composição Paisagística Comunicação Social Comunicação Visual Cooperativismo Desenhista Projetista Desenho Industrial Direito Economia Doméstica Formação de Executivos Hotelaria Marketing Moda Museologia Planejamento ADM e Programação Econ. Propaganda, Publicidade e Criação Secretariado Secretariado Executivo Serviço Social Turismo Eletrônica Industrial Eletrotécnica Engenharia Engenharia Ambiental Fruticultura de Clima Temperado Indústria Têxtil Instrumentação e Controle Manutenção de Máquinas e Equipamento Manutenção Mecânica Máquinas elétricas Mecânica Processos de Produção e Usinagem Processos Petroquímicos Produção Industrial Produção Moveleira Química Industrial Produção Moveleira Química Industrial Saneamento Ambiental Saneamento Básico Tecnologia das Telecomunicações Tecnologia Fluvial Topografia Transmissão e Distrb. Energia Eetrica 7.7 Transferência de Polo O Acadêmico pode solicitar a transferência por requerimento on-line. Procedimento para o Aluno (Ambiente Virtual de Aprendizagem) Acessar a área do Aluno (ambiente virtual de aprendizagem); Clicar em requerimentos e preencher o mesmo, indicando transferência e informando o polo desejado; O retorno será dado por meio do requerimento on-line. Importante: Após realizar transferência verificar se as frequências estão devidamente lançadas, pois o sistema poderá apresentar falhas ao realizar a alteração. Caso as frequências não estejam lançadas avise ao tutor presencial para lançá-las novamente. 85

86 7.8 Trancamento É a suspensão temporária da matrícula, requerida pelo acadêmico veterano, de acordo com o calendário acadêmico. Tem validade durante o semestre no qual foi requerido, podendo ser concedido pela metade do tempo do curso matriculado. Deixar de frequentar o curso, sem antes trancar a matrícula, é considerado abandono e o aluno reprova nos módulos em que está matriculado, devendo arcar com as parcelas referentes aos boletos não pagos. Atenção: Somente o próprio acadêmico poderá fazer este requerimento, nunca a Secretaria do polo poderá fazê-lo em nome do acadêmico. Não será permitido destrancamento com parcelas em aberto, portanto o acadêmico deverá pagar todas as mensalidades vencidas até a mensalidade referente ao mês do trancamento. O Trancamento é semestral e deverá ser solicitado conforme o período do calendário acadêmico, quando o aluno solicita o trancamento ele tranca o semestre todo. (aprovação e reprovação desaparecem). 7.9 Cancelamento e abandono Os acadêmicos que não desejam prosseguir seus estudos vinculados ao Centro Universitário poderão solicitar o cancelamento já a partir do 1º semestre do curso. O cancelamento pode ser efetuado imediatamente após a matrícula. Esse procedimento deve ser formalizado junto à secretaria do polo. O cancelamento não possui prazo previsto, podendo ser solicitado a qualquer tempo. A não formalização de cancelamento ou trancamento é interpretada como abandono e nestes casos a cobrança de mensalidades e juros permanecerão ativos até quitação dos boletos ou formalização do cancelamento ou trancamento. Desta forma o aluno deverá quitar todas as mensalidades vencidas inclusive a mensalidade referente ao mês do cancelamento independentemente da data de solicitação (válido do 1º ao último dia do mês). O cancelamento é semestral e quando o aluno cancela dentro do semestre letivo cancela-se tudo (aprovação e reprovação desaparecem) Declaração de Matrícula Procure a Secretaria do seu Polo para fazer a solicitação da declaração de matrícula e preencha o requerimento impresso; A emissão da Declaração de Matrícula implica em pagamento de taxa para o polo em que você está matriculado. Após o pagamento da taxa a secretaria realizará a impressão da Declaração de matricula para o aluno. O Prazo de entrega da declaração é de 30 (trinta) dias úteis. 86

87 7.11 Histórico Escolar Solicite o documento efetuando requerimento pelo site em área do ambiente virtual de aprendizagem ou na secretaria do Polo. O ícone de impressão de boleto para efetuar o pagamento da taxa aparecerá após salvar o requerimento. Especifique no requerimento quais os motivos da solicitação. Deverá ser paga a taxa de requerimento. Após o pagamento o prazo para atendimento do requerimento é de no máximo 30 (trinta) dias úteis. O Histórico não poderá ser confeccionado se houver falta de documentação no prontuário do mesmo. Esta falta de documentação será comunicada ao Acadêmico e ao Polo para que seja providenciado. Assim que a Secretaria Acadêmica do Centro Universitário UniSEB Interativo em Ribeirão Preto receber a documentação faltante, o requerimento será atendido. Declaração em outros modelos Caso você necessite de declarações especificas, deverá realizar um requerimento on-line especificando o tipo de declaração e quais informações esta declaração deve conter; A mesma é emitida no Centro Universitário UniSEB Interativo em Ribeirão Preto e enviada ao Polo. Você deve efetuar pagamento de taxa para esta solicitação. O prazo de entrega é de até 30 (trinta) dias úteis. Histórico Escolar e Declaração em outros modelos com firma reconhecida deverá ser solicitado na área virtual do aluno e com o valor diferenciado Conteúdo Programático O acadêmico deve solicitar requerimento on-line e boleto na própria secretaria do polo. Especificar no requerimento quais são as disciplinas e/ou módulo. O valor da taxa é cobrado por disciplina e/ou módulo. Após o pagamento o prazo para atendimento do requerimento é de no máximo 30 (trinta) dias úteis. Só é encaminhado para alunos aprovados no módulo Aproveitamento de Estudos Para realizar o processo de análise de dispensas de estudos, o acadêmico deverá entregar uma cópia do histórico escolar de graduação e conteúdo programático da instituição em que estudava anteriormente para que seja realizada a análise da matriz. Além disso, deve solicitar o requerimento para análise curricular no polo em que está regularmente matriculado. 87

88 Para realizar o aproveitamento a equipe pedagógica verifica todo o conteúdo que já foi estudado com base no histórico escolar e do conteúdo programático das disciplinas. Cabe destacar que organizamos nossos cursos em uma estrutura curricular modular. Esta concepção prevê a integração entre as diversas disciplinas que compõem o módulo, possibilitando a interdisciplinaridade e avaliação conjugada, permitindo o desenvolvimento de habilidades e competências necessárias para a formação profissional. Nesse sentido não são dispensadas disciplinas isoladas, mas sim módulos. Para que o estudante seja dispensado de um módulo a carga horária e o conteúdo devem ser equivalentes. Atenção: Caso o acadêmico já esteja cursando algum módulo deverá aguardar o resultado da análise na turma em que está matriculado, até que o resultado de sua análise seja deferido Solicitação de vale-transporte Veja os passos para a solicitação de vale-transporte: O acadêmico irá solicitar a declaração de matricula efetuando o requerimento impresso na secretaria do Polo. O próximo passo é realizar o pagamento da taxa de declaração de matrícula. O polo emitirá em até 15 (quinze) dias a impressão da declaração de matrícula. Você deverá entregar a declaração na empresa de transporte coletivo que fará o seu cadastro e entregará sua carteira Segunda via do Cartão de Estudante Este requerimento pode ser feito por você no Ambiente virtual de aprendizagem ou na Secretaria do Polo. Observe a descrição dos procedimento para o Aluno (Ambiente virtual de aprendizagem): Para o acadêmico solicitar a 2º via do cartão do estudante deve estar devidamente matriculado Deve acessar a área do Aluno (ambiente virtual de aprendizagem); Clicar em requerimentos e preencher o formulário de requerimento, justificando o motivo; Imprimir o boleto e efetuar o pagamento da taxa específica. O prazo para entrega pelo Centro Universitário UniSEB Interativo é de 30 (trinta) dias, após a baixa no pagamento. 88

89 7.16 Alteração Cadastro do aluno O cadastro é uma solicitação para que seja efetuado o seu primeiro acesso ao ambiente virtual de aprendizagem, e posteriormente quando você necessitar precisa alterar seus dados em função de mudança de endereço, mudança de sobrenome, estado civil erro de digitação e demais casos. Leia, a seguir, o que você deve fazer: Realize o pedido de alteração de cadastro por meio de requerimento on-line entrando no site Imprima e anexe aos documentos que comprovem sua identificação, tais como cópias do CPF, certidão de casamento e comprovante de residência. Entregue esta documentação na secretaria de seu polo, pois a mesma os encaminhará para a secretaria acadêmica do Centro Universitário UniSEB Interativo em Ribeirão Preto. As alterações podem ser realizadas a qualquer tempo, mas lembre-se de efetuá-las antes do término do curso para que o Diploma saia corretamente. A confirmação de alteração do seu cadastro será efetuada pela secretaria acadêmica no prazo de quinze dias. Verifique no próprio ambiente virtual de aprendizagem em que foi efetuado o requerimento Pagamento Boleto Todos os pagamentos de mensalidade são feitos por meio de boleto bancário. Não é possível efetuar pagamento por meio de depósito bancário, no Departamento Financeiro ou mesmo diretamente no polo. Os pagamentos podem ser efetuados em casas lotéricas ou em qualquer agência bancária até o vencimento do boleto bancário (última pontualidade), após o vencimento o pagamento do boleto deverá ser efetuado somente nas agências do Banco Real. Alterações de Vencimentos O aluno poderá alterar o vencimento do boleto referente mensalidade através do ícone 2ª via disponível na área do aluno, destacando que a alteração será feita calculando os juros especificados no boleto. Caso o aluno não consiga a alteração o mesmo poderá solicitar a alteração entrando em contato com a Central de Relacionamento. Obs: A alteração de vencimento para boletos referentes a acordo efetivados não estarão disponíveis para o aluno. 89

90 Veja passo a passo como gerar a 2º via do boleto: 1º. Passo: Entre com seu código e senha no ambiente virtual de aprendizagem Clique no ícone 2ª. via do Boleto. 2º. Passo: Após clicar em 2ª via do Boleto será aberta ao aluno uma página demonstrando todos os seus boletos, conforme abaixo. Para imprimir o boleto ou alterar seu vencimento o aluno deverá clicar na impressora localizada na ultima coluna do demonstrativo referente ao boleto desejado. 3º Passo: Ao abrir a tela a seguir o aluno terá a opção de imprimir o boleto desejado sem alterar o vencimento, basta não preencher o campo destacado em amarelo e apenas clicar no botão Imprimir Boleto. Na outra opção o aluno poderá alterar o vencimento do boleto recalculando o mesmo, basta preencher o campo vencimento dentro do quadro em destaque e clicar em Recalcular Boleto. 90

91 7.18 Descontos de pontualidade Plano de pagamento em 6 vezes % de Desconto Data de Pagamento 1º Pontualidade 12% 1º dia 2º Pontualidade 9% 2º ao 10º dia 3º Pontualidade 6% 11º ao 15º dia 4º Pontualidade 3% 16º ao 20º dia 5º Pontualidade 0% 21º ao 30º dia Plano de pagamento em 5 vezes % de Desconto Data de Pagamento 1º Pontualidade 12% 1º dia 2º Pontualidade 9% 2º ao 10º dia 3º Pontualidade 6% 11º ao 15º dia 4º Pontualidade 3% 16º ao 20º dia 5º Pontualidade 0% 21º ao 30º dia 7.19 PROUNI / FIES O Centro Universitário UniSEB Interativo atende as solicitações de bolsas através dos programas PROUNI e FIES. Primeiramente o acadêmico deve buscar informações nos sites: para o PROUNI e para o FIES. Após a realização do processo de avaliação do PROUNI, existindo vagas no polo e oferecimento do curso, seguindo as normas do centro Universitário e prazos estabelecidos no Calendário Acadêmico, os candidatos deverão providenciar a documentação solicitada assim que a Centro Universitário UniSEB Interativo publicar o termo de Concessão de Bolsa do ProUni. A lista de 91

Sumário. Apresentação... 5. 1. Educação a Distância... 6

Sumário. Apresentação... 5. 1. Educação a Distância... 6 Sumário Apresentação... 5 1. Educação a Distância... 6 2. Metodologia do Centro Universitário UniSEB Interativo... 7 2.1 Sistema Modular... 8 2.2 Aulas Interativas... 9 2.3 Material Didático... 10 2.4

Leia mais

Calendário Acadêmico 2015

Calendário Acadêmico 2015 Calendário Acadêmico 2015 Julho 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 01 a 03 Período de realização das avaliações substitutivas dos módulos X.1 e X.2. 01

Leia mais

Sumário. 4. Corpo Social... 20

Sumário. 4. Corpo Social... 20 Sumário 1. O que é Ensino Superior?... 6 1.1 Tipologias das Instituições de Ensino... 7 1.2 Tipos de Curso... 8 1.3 O que é Educação a Distância?... 10 2. O Centro Universitário UniSEB... 11 2.1 O Centro

Leia mais

Duvidas administrativas dos cursos da EAD Metodista:

Duvidas administrativas dos cursos da EAD Metodista: Duvidas administrativas dos cursos da EAD Metodista: A metodista é credenciada pelo MEC para o oferecimento de cursos a distância? Sim. A Universidade Metodista de São Paulo recebeu o credenciamento do

Leia mais

FAQ Estude Sem Dúvidas

FAQ Estude Sem Dúvidas FAQ Estude Sem Dúvidas Núcleo de Educação a Distância Faculdade Flamingo São Paulo Atualizado em: Outubro/2015 2 Estude sem dúvidas FAQ para os alunos de Pedagogia Presencial Caros alunos e alunas do curso

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO NEAD - CESUMAR MANUAL DO ALUNO

PÓS-GRADUAÇÃO NEAD - CESUMAR MANUAL DO ALUNO PÓS-GRADUAÇÃO NEAD - CESUMAR MANUAL DO ALUNO MANUAL DO ALUNO PÓS-GRADUAÇÃO NEAD CESUMAR CURSOS OFERECIDOS Especialização em Administração Pública; Especialização em Atendimento Educacional Especializado

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO Rede São Paulo de Formação Docente MANUAL DO TUTOR Cursos de Especialização para o Quadro do Magistério São Paulo-2010 BEM-VINDO AOS CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO DA REDEFOR Prezado

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online MBA EM CONTROLADORIA E FINANÇAS Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de Pós-Graduação

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online MBA EM CONTROLADORIA E FINANÇAS Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de Pós-Graduação

Leia mais

Calendário de Avaliações 2014

Calendário de Avaliações 2014 Calendário de Avaliações 2014 1º SEMESTRE TUTORES E COORDENADORES DE POLO 10 a 25 04 08 10 e 11 17 05 a 28 19 20 21 Janeiro Período para o aluno de pós-graduação (totalmente on-line) agendar, através do

Leia mais

FUNCIONAMENTO DOS CURSOS

FUNCIONAMENTO DOS CURSOS 1 SUMÁRIO Funcionamento dos Cursos... 03 Guia de Percurso... 05 Manual Acadêmico... 07 Ambiente Virtual de Aprendizagem... 09 Edição do Perfil... 12 Acessando as Atividades... 14 Iniciando o Semestre...

Leia mais

Sumário. Guia do Aluno

Sumário. Guia do Aluno Sumário Guia do Aluno 1. Roteiro de estudo...3 2. Acessando seu ambiente acadêmico...5 3. Ferramentas...6 3.1 Avisos...6 3.2 Calendário...7 3.3 Tarefas...8 3.4 Informações pessoais...9 3.5 Minhas notas

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO EAD CNEC - FAQ

PÓS-GRADUAÇÃO EAD CNEC - FAQ PÓS-GRADUAÇÃO EAD CNEC - FAQ 1 - Quem pode fazer um curso de Pós-Graduação à distância da CNEC? Os cursos de Pós- Graduação da CNEC EAD podem ser realizados por qualquer pessoa que tenha concluído curso

Leia mais

Perguntas Frequentes Pós-Graduação

Perguntas Frequentes Pós-Graduação 1. Quem pode fazer um curso de a distância da CNEC? Os cursos de da CNEC EAD podem ser realizados por qualquer pessoa que tenha concluído curso superior. Cada um dos cursos da CNEC EAD possui um público-alvo

Leia mais

GUIA PRA TICO DO ALUNO

GUIA PRA TICO DO ALUNO GUIA PRA TICO DO ALUNO Sistema de Avaliação, Ambiente Virtual de Aprendizagem AVA e Portal ÚNICO Guia prático e de conhecimento do Sistema de Avaliação, utilização das ferramentas tecnológicas Ambiente

Leia mais

Manual de Orientações- Pós-Graduação Cursos Totalmente WEB (2012)

Manual de Orientações- Pós-Graduação Cursos Totalmente WEB (2012) 1 Manual de Orientações- Pós-Graduação Cursos Totalmente WEB (2012) 2 Introdução Este Manual visa atender às demandas sobre os cursos de Pós- Graduação do Centro Universitário UNISEB Interativo que são

Leia mais

LISTA ICONOGRÁFICA - (Lista de ícones do Ambiente Virtual)

LISTA ICONOGRÁFICA - (Lista de ícones do Ambiente Virtual) 1 SUMÁRIO Funcionamento dos Cursos... 04 Geração de Login e Senha... 05 Guia de Percurso... 07 Manual Acadêmico... 09 Ambiente Virtual de Aprendizagem... 11 Edição do Perfil... 13 Ambiente Colaborar e

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online GESTÃO ESCOLAR EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de Pós-Graduação na Modalidade

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online MBA EM GESTÃO ESTRATÉGICA DE PESSOAS Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online DOCÊNCIA NO ENSINO SUPERIOR Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de Pós-Graduação

Leia mais

Sumário. 1. Da preparação... 3. 2. Da realização... 6. 3. Da Correção:... 8. 4. Do lançamento das notas:... 9

Sumário. 1. Da preparação... 3. 2. Da realização... 6. 3. Da Correção:... 8. 4. Do lançamento das notas:... 9 Sumário 1. Da preparação... 3 2. Da realização... 6 3. Da Correção:... 8 4. Do lançamento das notas:... 9 2 Guia de Orientações Gerais para a Prova Presencial março/abril 2014 Prezado coordenador/tutor:

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online SUPERVISÃO E ORIENTAÇÃO EDUCACIONAL EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online GESTÃO ESCOLAR EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de Pós-Graduação na Modalidade

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online MBA EM GESTÃO ESTRATÉGICA DE PESSOAS Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de

Leia mais

Bem Vindo... 4. A Disciplina de Dependência Interativa... 5. A Organização da Disciplina... 7. O Processo de Ensino e Aprendizagem...

Bem Vindo... 4. A Disciplina de Dependência Interativa... 5. A Organização da Disciplina... 7. O Processo de Ensino e Aprendizagem... 1 2 Sumário Bem Vindo... 4 A Disciplina de Dependência Interativa... 5 A Organização da Disciplina... 7 O Processo de Ensino e Aprendizagem... 10 Sua Semana no Curso... 11 O apoio local ao Ensino Semipresencial...

Leia mais

O Funcionamento dos Cursos... 02 Geração de Login e Senha... 03 Guia de Percurso... 05 Manual Acadêmico... 06 Ambiente Virtual de Aprendizagem...

O Funcionamento dos Cursos... 02 Geração de Login e Senha... 03 Guia de Percurso... 05 Manual Acadêmico... 06 Ambiente Virtual de Aprendizagem... O Funcionamento dos Cursos... 02 Geração de Login e Senha... 03 Guia de Percurso... 05 Manual Acadêmico... 06 Ambiente Virtual de Aprendizagem... 08 Edição do Perfil... 10 Ambiente Colaborar... 11 Iniciando

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online MBA EM COMUNICAÇÃO E MARKETING Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de Pós-Graduação

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online EDUCAÇÃO INCLUSIVA EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de Pós-Graduação na

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online DOCÊNCIA NO ENSINO SUPERIOR EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de Pós-Graduação

Leia mais

UNIVERSIDADE CASTELO BRANCO VICE-REITORIA DE GRADUAÇÃO CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA - CEAD

UNIVERSIDADE CASTELO BRANCO VICE-REITORIA DE GRADUAÇÃO CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA - CEAD VICE-REITORIA DE GRADUAÇÃO CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA - CEAD EDITAL 02/2015 - PROCESSO DE SELEÇÃO DE PROFESSORES TUTORES A Vice-Reitoria de Graduação e o Centro de Educação a Distância (CEAD/UCB),

Leia mais

GUIA PRAÁTICO DO ALUNO A DISTAÂ NCIA

GUIA PRAÁTICO DO ALUNO A DISTAÂ NCIA GUIA PRAÁTICO DO ALUNO A DISTAÂ NCIA Sistema de Avaliação, Ambiente Virtual de Aprendizagem AVA e Portal ÚNICO Guia prático e de conhecimento do Sistema de Avaliação, utilização das ferramentas tecnológicas

Leia mais

Disciplina Ofertadas na modalidade Avaliação da Aprendizagem Acesso ao Ambiente Virtual Dúvida e Suporte

Disciplina Ofertadas na modalidade Avaliação da Aprendizagem Acesso ao Ambiente Virtual Dúvida e Suporte Sumário Apresentação O papel do Aluno Ambiente Virtual de Aprendizagem Disciplina Ofertadas na modalidade Avaliação da Aprendizagem Acesso ao Ambiente Virtual Dúvida e Suporte Dúvidas 3 5 6 9 10 11 14

Leia mais

Edital de Aproveitamento de Estudos e Diplomas de Curso Normal Superior e Pedagogia com habilitação em Supervisão e Orientação

Edital de Aproveitamento de Estudos e Diplomas de Curso Normal Superior e Pedagogia com habilitação em Supervisão e Orientação EDITAL n. 06.2012 - FAEL- EAD, 30 de maio de 2012 Edital de Aproveitamento de Estudos e Diplomas de Curso Normal Superior e Pedagogia com habilitação em Supervisão e Orientação A Faculdade Educacional

Leia mais

Prezado aluno, 2. Organização pedagógica e sistema de avaliação

Prezado aluno, 2. Organização pedagógica e sistema de avaliação Prezado aluno, É com imensa satisfação que a Universidade Estácio de Sá, em parceria tecnológica com o Complexo de Ensino Renato Saraiva (CERS), apresentam os seus novos cursos de Pós Graduação em Direito,

Leia mais

Manual de Orientações- Pós-Graduação a Distância (Ingressantes 2011 e 2012)

Manual de Orientações- Pós-Graduação a Distância (Ingressantes 2011 e 2012) 1 Manual de Orientações- Pós-Graduação a Distância (Ingressantes 2011 e 2012) 2 Introdução Este Manual visa atender às demandas sobre os cursos de Pós- Graduação do Centro Universitário UNISEB Interativo

Leia mais

MANUAL DO CANDIDATO. Processo Seletivo 2016 1.º semestre

MANUAL DO CANDIDATO. Processo Seletivo 2016 1.º semestre MANUAL DO CANDIDATO Processo Seletivo 2016 1.º semestre A UNIVERSIDADE PAULISTA faz saber que estão abertas as inscrições, nos locais e horários indicados no item DAS INSCRIÇÕES do presente manual, para

Leia mais

FACULDADE DIREÇÃO GERAL NORMA 029 1/5

FACULDADE DIREÇÃO GERAL NORMA 029 1/5 1. Dos Requisitos e Documentos para o Ingresso Para ingressar nos cursos de ensino superior o candidato deve ter concluído o Ensino Médio, prestar processo seletivo da IES ou ingressar por uma das formas

Leia mais

canais de relacionamento CONHEÇA AS DIFERENTES OPçÕES PARA VOCÊ VIVER UNA. CONECTADO COM A GENTE.

canais de relacionamento CONHEÇA AS DIFERENTES OPçÕES PARA VOCÊ VIVER UNA. CONECTADO COM A GENTE. canais de relacionamento UNA. CONHEÇA AS DIFERENTES OPçÕES PARA VOCÊ VIVER CONECTADO COM A GENTE. Dando início às comemorações de seu cinquentenário, a Una traz para VOCê uma cartilha com todos os canais

Leia mais

1. DOS PRÉ-REQUISITOS 2. FUNCIONAMENTO DO CURSO

1. DOS PRÉ-REQUISITOS 2. FUNCIONAMENTO DO CURSO Edital de oferta de vagas para o Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão Estratégica de Negócios, na modalidade a distância. A Reitora da Universidade Anhanguera-Uniderp, credenciada pelo MEC por

Leia mais

APRESENTAÇÃO DO REITOR

APRESENTAÇÃO DO REITOR APRESENTAÇÃO DO REITOR Viver e trabalhar em uma sociedade global é um grande desafio para todos os cidadãos. A busca por tecnologia, informação, conhecimento de qualidade, novas habilidades para liderança

Leia mais

NEAD NÚCLEO DE EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA MANUAL DO ALUNO

NEAD NÚCLEO DE EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA MANUAL DO ALUNO FACHA.EDU.BR/EAD NEAD NÚCLEO DE EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA MANUAL DO ALUNO RIO DE JANEIRO, AGOSTO DE 2015 EAD - Manual do Aluno SUMÁRIO 1. CARTA AO ALUNO 2. METODOLOGIA EAD 3. COORDENAÇÃO 4. SALAS VIRTUAIS 5.

Leia mais

1. DOS PRÉ-REQUISITOS 2. FUNCIONAMENTO DO CURSO

1. DOS PRÉ-REQUISITOS 2. FUNCIONAMENTO DO CURSO Edital de oferta de vagas para o Curso de Pós-Graduação Lato Sensu Gestão, Auditoria e Licenciamento Ambiental, na modalidade a distância. A Reitora da Universidade Anhanguera-Uniderp, credenciada pelo

Leia mais

BACHARELADO. Administração. Ciências Contábeis. Ciências Econômicas. Serviço Social. Ciências Sociais. Objetivos. Objetivos. Objetivos.

BACHARELADO. Administração. Ciências Contábeis. Ciências Econômicas. Serviço Social. Ciências Sociais. Objetivos. Objetivos. Objetivos. BACHARELADO Administração O curso de Administração tem como objetivo formar profissionais que poderão atuar como executivos, técnicos em funções administrativas e/ou empreendedores, com capacidade de alinhar

Leia mais

1. DOS PRÉ-REQUISITOS 2. FUNCIONAMENTO DO CURSO

1. DOS PRÉ-REQUISITOS 2. FUNCIONAMENTO DO CURSO 1 Edital de oferta de vagas para o Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão Estratégica de Negócios, na modalidade a distância. O Reitor da Universidade Anhanguera-Uniderp, credenciada pelo MEC

Leia mais

1. DOS PRÉ-REQUISITOS 2. FUNCIONAMENTO DO CURSO

1. DOS PRÉ-REQUISITOS 2. FUNCIONAMENTO DO CURSO Edital de oferta de vagas para o Curso de Pós-Graduação Lato Sensu Gestão de Projetos Sociais, na modalidade a distância. A Reitora da Universidade Anhanguera-Uniderp, credenciada pelo MEC por meio da

Leia mais

CALENDÁRIO ESCOLAR DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO E PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO - ANO LETIVO DE 2015

CALENDÁRIO ESCOLAR DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO E PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO - ANO LETIVO DE 2015 CALENDÁRIO ESCOLAR DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO E PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO - ANO LETIVO DE 2015 JANEIRO DE 2015 FEVEREIRO DE 2015 MARÇO DE 2015 1 2 3 1 2 3 4 5 6 7 1 2 3 4 5 6 7 4 5 6 7 8 9 10 8 9 10 11 12

Leia mais

Sumário GUIA DO ALUNO. Primeiro Acesso... 3. Roteiro de Estudos Modalidade SEPI... 4. Roteiro de Estudos Modalidade SEI... 6

Sumário GUIA DO ALUNO. Primeiro Acesso... 3. Roteiro de Estudos Modalidade SEPI... 4. Roteiro de Estudos Modalidade SEI... 6 Sumário Primeiro Acesso... 3 Roteiro de Estudos Modalidade SEPI... 4 Roteiro de Estudos Modalidade SEI... 6 Acesso ao Ambiente Acadêmico Blackboard... 8 1 - Ferramentas... 9 1.1 - Calendário... 11 1.2

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online ENSINO LÚDICO EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de Pós-Graduação na Modalidade

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA: ELABORAÇÃO DE MATERIAL, TUTORIA E AMBIENTES VIRTUAIS Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento

Leia mais

FACULDADE DE EDUCAÇÃO DE BOM DESPACHO - FACEB

FACULDADE DE EDUCAÇÃO DE BOM DESPACHO - FACEB EDITAL CURSOS TÉCNICOS Instituto Bondespachense Presidente Antônio Carlos - IBPAC FACULDADE DE EDUCAÇÃO DE BOM DESPACHO - FACEB BOM DESPACHO 2013 SUMÁRIO 1 EDITAL... 03 2. HISTÓRICO... 04 3. APRESENTAÇÃO...

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online ENSINO DE MATEMÁTICA Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de Pós-Graduação

Leia mais

Manual Geral de Normas para Atividades Complementares

Manual Geral de Normas para Atividades Complementares CENTRO UNIVERSITÁRIO NEWTON PAIVA PRÓ-REITORIA ACADÊMICA Curso de Administração - EaD Manual Geral de Normas para Atividades Complementares 2012 Núcleo de Educação a Distância Coordenação do Curso de Administração

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online MBA EM GESTÃO EMPRESARIAL EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de Pós-Graduação

Leia mais

Aula Inaugural Cursos de pós-graduação a distância (EaD) Diretoria de Extensão e Pós-Graduação

Aula Inaugural Cursos de pós-graduação a distância (EaD) Diretoria de Extensão e Pós-Graduação Aula Inaugural Cursos de pós-graduação a distância (EaD) Diretoria de Extensão e Pós-Graduação Cursos, dias e horas de transmissão Formação Conectada TRANSMISSÃO CURSO (Horário de Brasília) Psicopedagogia

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online ENSINO DE MATEMÁTICA Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de Pós-Graduação

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online EDUCAÇÃO INFANTIL EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de Pós-Graduação na

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online ENSINO DE FÍSICA EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de Pós-Graduação na Modalidade

Leia mais

SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 4 2. ASPECTOS METODOLÓGICOS... 7. 3. RESULTADOS DA AVALIAÇÃO UNISEB - Análise dos Resultados Integrados...

SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 4 2. ASPECTOS METODOLÓGICOS... 7. 3. RESULTADOS DA AVALIAÇÃO UNISEB - Análise dos Resultados Integrados... RELATÓRIO DA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO 2012 1 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 4 2. ASPECTOS METODOLÓGICOS... 7 3. RESULTADOS DA AVALIAÇÃO UNISEB - Análise dos Resultados Integrados... 9 3.1. Dimensão 1: Missão

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de Pós-Graduação

Leia mais

Dimensão 1 - Organização Didático-Pedagógica do Curso

Dimensão 1 - Organização Didático-Pedagógica do Curso AUTO-AVALIAÇAO INSTITUCIONAL DO CURSO DE PEDAGOGIA FACED-UFAM / Professores Dimensão 1 - Organização Didático-Pedagógica do Curso Objetivos do Curso 01 - Tenho conhecimento do Projeto Pedagógico do Curso.

Leia mais

e-mail: faesf@faesf.com.br site: www.faesf.com.br CALENDÁRIO ACADÊMICO 2014 2º Semestre

e-mail: faesf@faesf.com.br site: www.faesf.com.br CALENDÁRIO ACADÊMICO 2014 2º Semestre JULHO/2014 CALENDÁRIO ACADÊMICO 2014 2º Semestre D S T Q Q S S DIAS LETIVOS: 00 dias FERIADOS, DIAS SANTIFICADOS E RECESSO ESCOLAR 1 2 3 4 5 1 a 13 Recesso Copa do Mundo 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17

Leia mais

Sumário 1. CAPÍTULO I - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES... 3 2. CAPÍTULO II DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO A DISTÂNCIA... 3

Sumário 1. CAPÍTULO I - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES... 3 2. CAPÍTULO II DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO A DISTÂNCIA... 3 Sumário 1. CAPÍTULO I - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES... 3 2. CAPÍTULO II DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO A DISTÂNCIA... 3 3. CAPÍTULO III DA COORDENAÇÃO... 4 4. CAPÍTULO IV DOS PROFESSORES E TUTORES DO CURSO...

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA E ESPORTE. Curso: Licenciatura em Educação Física Projeto Pedagógico

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA E ESPORTE. Curso: Licenciatura em Educação Física Projeto Pedagógico UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA E ESPORTE Curso: Licenciatura em Educação Física Projeto Pedagógico Ingressantes em 2007 Dados: Sigla: Licenciatura em Educação Física Área: Biológicas

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online ENSINO LÚDICO EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de Pós-Graduação na Modalidade

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online EDUCAÇÃO INFANTIL EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de Pós-Graduação na

Leia mais

Perguntas e respostas sobre o curso superior tecnológico a distância do Centro Paula Souza

Perguntas e respostas sobre o curso superior tecnológico a distância do Centro Paula Souza Perguntas e respostass sobre o curso superior tecnológico a distância do Centro Paula Souza 1) Posso fazer este novo curso superior de tecnologia em Gestãoo Empresarial na modalidade EaD do Paula Souza

Leia mais

CALENDÁRIO ACADÊMICO 2015. Aprovado na 856ª sessão do CEPE, em 07/11/2014

CALENDÁRIO ACADÊMICO 2015. Aprovado na 856ª sessão do CEPE, em 07/11/2014 JANEIRO 01/01/2015 Feriado FERIADO: Confraternização Universal, feriado nacional. 07/01/2015 Coordenações de curso de - modalidades 08/01/2015 a 15/01/2015 Coordenações de cursos de - modalidades 16/01/2015

Leia mais

PSICOPEDAGOGIA INSTITUCIONAL

PSICOPEDAGOGIA INSTITUCIONAL EDITAL DE SELEÇÃO PSICOPEDAGOGIA INSTITUCIONAL PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de Pós-Graduação

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online ENSINO DE QUÍMICA Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de Pós-Graduação na

Leia mais

Capítulo I Da Origem. Capítulo II Dos Órgãos Colegiados

Capítulo I Da Origem. Capítulo II Dos Órgãos Colegiados NORMATIZAÇÃO ADMINISTRATIVA, DIDÁTICO-PEDAGÓGICA PARA AS ATIVIDADES DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO NOS CURSOS TÉCNICOS NA MODALIDADE DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E

Leia mais

CAPÍTULO I Das definições preliminares, das e dos objetivos.

CAPÍTULO I Das definições preliminares, das e dos objetivos. Resolução n.º 03/2010 Regulamenta os Cursos de Pós-Graduação da Faculdade Campo Real. O CONSU Conselho Superior, por meio do Diretor Geral da Faculdade Campo Real, mantida pela UB Campo Real Educacional

Leia mais

MANUAL Atividades Complementares. Curso de Pedagogia

MANUAL Atividades Complementares. Curso de Pedagogia MANUAL Atividades Complementares Curso de Pedagogia BELO HORIZONTE Agosto / 2009 1. INTRODUÇÃO O Projeto Pedagógico do curso de Pedagogia foi elaborado de acordo com a Resolução de nº 1, de 15 de Maio

Leia mais

EDITAL Nº 04/2013 1 DAS VAGAS

EDITAL Nº 04/2013 1 DAS VAGAS EDITAL Nº 04/2013 A UNIVERSIDADE CEUMA, nos termos deste edital, torna público que, no período de 12/07/2013 a 29/07/2013, das 14:00h às 20:00h estarão abertas às inscrições do processo de seleção para

Leia mais

Pós-Graduação Empresarial em Gestão de Negócios com Ênfase em Marketing. Manual do Curso

Pós-Graduação Empresarial em Gestão de Negócios com Ênfase em Marketing. Manual do Curso Pós-Graduação Empresarial em Gestão de Negócios com Ênfase em Marketing Manual do Curso São Paulo Educação Executiva 2015 Apresentação Pós-Graduação Empresarial em Gestão de Negócios com Ênfase em Marketing

Leia mais

CURSO DE GRADUAÇÃO EM TURISMO (BACHARELADO)

CURSO DE GRADUAÇÃO EM TURISMO (BACHARELADO) CURSO DE GRADUAÇÃO EM TURISMO (BACHARELADO) O Curso de Graduação em Turismo da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ibitinga foi reformulado no ano de 2008, tendo a proposta de adaptação do seu

Leia mais

MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES

MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES FACULDADE DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS - FACISA CURSO DE ADMINISTRAÇÃO MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES Belo Horizonte 2011 INFORMAÇÕES E PROCEDIMENTOS ATIVIDADES O QUÊ? As atividades complementares

Leia mais

PARECER CEE/PE Nº 109/2014-CEB APROVADO PELO PLENÁRIO EM 03/11/2014 I RELATÓRIO:

PARECER CEE/PE Nº 109/2014-CEB APROVADO PELO PLENÁRIO EM 03/11/2014 I RELATÓRIO: INTERESSADO: INTERFACE CURSOS E CONSULTORIA RECIFE/PE ASSUNTO: ALTERAÇÃO DO REGIMENTO, DA PROPOSTA PEDAGÓGICA E DO PLANO DO CURSO TÉCNICO EM TRANSAÇÕES IMOBILIÁRIAS EIXO TECNOLÓGICO: GESTÃO E NEGÓCIOS

Leia mais

Pós-Graduação em Gestão de Negócios com Ênfase em Mercado Farmacêutico

Pós-Graduação em Gestão de Negócios com Ênfase em Mercado Farmacêutico Pós-Graduação em Gestão de Negócios com Ênfase em Mercado Farmacêutico Manual do Curso São Paulo Educação Executiva 2015 Apresentação O Sindusfarma deseja oferecer aos seus associados à possibilidade de

Leia mais

Manual do Aluno - EAD

Manual do Aluno - EAD Manual do Aluno - EAD Núcleo de Educação a Distância Faculdade Flamingo São Paulo Março/2015 2 Manual do Aluno EAD Caros alunos e alunas, preparamos para vocês este manual com uma lista das principais

Leia mais

1. DOS PRÉ-REQUISITOS

1. DOS PRÉ-REQUISITOS Edital de oferta de vagas para o Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Direito Processual Civil, na modalidade a distância. A Reitoria da Universidade Anhanguera-Uniderp, credenciada pelo MEC por meio da

Leia mais

Sumário 1. CAPÍTULO I - DAS FINALIDADES... 3 2. CAPÍTULO II DA AVALIAÇÃO DO DESEMPENHO DO ACADÊMICO PARA A EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA...

Sumário 1. CAPÍTULO I - DAS FINALIDADES... 3 2. CAPÍTULO II DA AVALIAÇÃO DO DESEMPENHO DO ACADÊMICO PARA A EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA... Sumário 1. CAPÍTULO I - DAS FINALIDADES... 3 2. CAPÍTULO II DA AVALIAÇÃO DO DESEMPENHO DO ACADÊMICO PARA A EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA... 3 CAPÍTULO III - DAS DISPOSIÇÕES GERAIS... 6 2 CAPÍTULO I - DAS FINALIDADES

Leia mais

PÓS GRADUAÇÃO EMPRESARIAL EM GESTÃO DE NEGÓCIOS COM ÊNFASE EM MARKETING

PÓS GRADUAÇÃO EMPRESARIAL EM GESTÃO DE NEGÓCIOS COM ÊNFASE EM MARKETING PÓS GRADUAÇÃO EMPRESARIAL EM GESTÃO DE NEGÓCIOS COM ÊNFASE EM MARKETING Manual do Curso São Paulo Educação Executiva 2014 Apresentação Pós-Graduação Empresarial em Gestão de Negócios com Ênfase em Marketing

Leia mais

Faculdade AGES AGENDA INSTITUCIONAL 2012-2 E 2013-1

Faculdade AGES AGENDA INSTITUCIONAL 2012-2 E 2013-1 Faculdade AGES AGENDA INSTITUCIONAL 2012-2 E 2013-1 1. INSCRIÇÕES PARA O PROCESSO SELETIVO 2013.1 Vestibular para estudantes que não prestaram o ENEM; entrevista para candidatos com Transferência Externa,

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 012/07 CONSUNI

RESOLUÇÃO Nº 012/07 CONSUNI RESOLUÇÃO Nº 012/07 CONSUNI APROVA A ALTERAÇÃO DA MATRIZ CURRICULAR DOS CURSOS DE ADMINISTRAÇÃO, ADMINISTRAÇÃO HABILITAÇÃO EM COMÉRCIO EXTERIOR E ADMINISTRAÇÃO HABILITAÇÃO EM MARKETING E O REGULAMENTO

Leia mais

REGULAMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO UNIDADE SÃO PAULO. Ingressantes 2010. Junho/2010 Página 1 de 14

REGULAMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO UNIDADE SÃO PAULO. Ingressantes 2010. Junho/2010 Página 1 de 14 REGULAMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO UNIDADE SÃO PAULO Ingressantes 2010 Página 1 de 14 SUMÁRIO 1. OBJETIVO DO CURSO 2. ESTRUTURA DO CURSO 2.1) Visão geral 2.2) Pré-requisitos 2.3) Critérios de contagem

Leia mais

MANUAL DO ALUNO 1. APRESENTAÇÃO 2. OBJETIVOS 3. ACESSO AO CURSO. Bem-vindo (a) ao curso de Capacitação para cursos em EAD!

MANUAL DO ALUNO 1. APRESENTAÇÃO 2. OBJETIVOS 3. ACESSO AO CURSO. Bem-vindo (a) ao curso de Capacitação para cursos em EAD! MANUAL DO ALUNO MANUAL DO ALUNO Bem-vindo (a) ao curso de Capacitação para cursos em EAD! 1. APRESENTAÇÃO Preparado pela equipe da Coordenadoria de Educação Aberta e a Distância (CEAD) da Universidade

Leia mais

MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE LETRAS

MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE LETRAS MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE LETRAS Belo Horizonte 2013 SUMÁRIO 1 Informações e procedimentos... 2 2 Atividades que irão complementar a formação... 2 4 As atividades complementares podem

Leia mais

MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO - LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO - LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA 1. APRESENTAÇÃO O curso de Educação Física da FISMA, através de sua orientação de estagio supervisionado obrigatório, vem por meio de o presente documento estabelecer as diretrizes básicas da realização

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online DIREITO DO Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de Pós-Graduação na Modalidade

Leia mais

MANUAL DO EAD FACULDADE REFIDIM CEEDUC

MANUAL DO EAD FACULDADE REFIDIM CEEDUC MANUAL DO EAD FACULDADE REFIDIM CEEDUC MANUAL DO EAD 2 Sumário Palavra do Diretor...3 1. Breve Histórico da Faculdade Refidim...4 2. Estrutura Institucional Responsável pela Educação a Distância...5 2.1

Leia mais

Faculdade Escola Paulista de Direito

Faculdade Escola Paulista de Direito Faculdade Escola Paulista de Direito MANUAL DO ALUNO Este manual tem por finalidade informar à comunidade universitária as normas e os procedimentos acadêmicos institucionais da Faculdade Escola Paulista

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de Pós-Graduação

Leia mais

Curso Técnico em Informática para Internet. Depto Acadêmico de Saúde e Serviços (DASS) Campus Florianópolis

Curso Técnico em Informática para Internet. Depto Acadêmico de Saúde e Serviços (DASS) Campus Florianópolis Curso Técnico em Informática para Internet Depto Acadêmico de Saúde e Serviços (DASS) Campus Florianópolis Rede Escola Técnica Aberta do Brasil Programa nacional MEC (SEED/SETEC) - Decreto No.6301 de 12/12/2007

Leia mais

REGULAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO Lato Sensu FACULDADE SATC

REGULAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO Lato Sensu FACULDADE SATC REGULAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO Lato Sensu FACULDADE SATC 2014 ÍNDICE CAPÍTULO I... 3 Da Constituição, Natureza, Finalidade e Objetivos dos Cursos... 3 CAPÍTULO II... 3 Da Implantação dos Cursos...

Leia mais

CURSO DE DIREITO REGULAMENTO PARA ATIVIDADES COMPLEMENTARES

CURSO DE DIREITO REGULAMENTO PARA ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE DIREITO REGULAMENTO PARA ATIVIDADES COMPLEMENTARES 2 DA FINALIDADE E DO OBJETIVO Art. 1º. As Atividades Complementares do Curso de Direito da Faculdade Unida de Suzano serão regidas por este Regulamento.

Leia mais

Calendário de Provas 2º Semestre de 2014 Alunos. Avaliações dos Módulos Regulares e Dependência- Alunos

Calendário de Provas 2º Semestre de 2014 Alunos. Avaliações dos Módulos Regulares e Dependência- Alunos Calendário de Provas 2º Semestre de 2014 Alunos Avaliações dos Módulos Regulares e Dependência- Alunos Agosto 02 Realização da avaliação presencial da pós-graduação (totalmente on-line). 04 e 05 Período

Leia mais

MANUAL - DISCIPLINA SEMIPRESENCIAL SUMÁRIO

MANUAL - DISCIPLINA SEMIPRESENCIAL SUMÁRIO MANUAL - DISCIPLINA SEMIPRESENCIAL SUMÁRIO APRESENTAÇÃO AMBIENTE VIRTUAL AS VANTAGENS DESSA MODERNA SISTEMÁTICA DO ENSINO SÃO: O PAPEL DO ALUNO PROFESSOR TUTOR AVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM ACESSO AO AMBIENTE

Leia mais

Considerando que a excepcionalidade do regime de oferta gera processos de gestão acadêmica e administrativa distintos da rotina institucional;

Considerando que a excepcionalidade do regime de oferta gera processos de gestão acadêmica e administrativa distintos da rotina institucional; RESOLUÇÃO CONSEPE 22/2014 APROVA O REGULAMENTO DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM PROCESSOS GERENCIAIS, MODALIDADE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA EAD, DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO USF, PARA TURMAS COM INÍCIO EM

Leia mais