Reação em Cadeia Da Polimerase

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Reação em Cadeia Da Polimerase"

Transcrição

1 Reação em Cadeia Da Polimerase X Jornada Farmacêutica IV Amostra 2010 Sueli Massumi Nakatani LACEN-PR

2 Um Pouco de História...

3 Um Pouco de História Kary Mullis for his invention of the polymerase chain reaction (PCR) method Nobel Prize in Chemistry

4 Reação em Cadeia pela Polimerase PCR Diagnóstico de doenças Infecto-Contagiosas Detecção de doenças Hereditárias Diagnósticos de Câncer Transplantes Medicina Forense Genoma Humano Alimentos Transgênicos

5 The Economist July 22, 2000

6 O Brasil e os Genomas Completos Nature (2000) 406: Nature (2002) 417: J. Bacteriol. (2003) 185: PNAS (2003) 100:

7 Projetos no Brasil Sugarcane Schistosoma mansoni Eucalyptus Coffee Human Cancer Genome

8 Reação em Cadeia da Polimerase Constitui um mecanismo para detectar, com alta especificidade concentrações extremamente baixas de determinadas seqüências de DNA

9 O DNA principais características Dupla-Fita Direcional Anti-Paralelas Complementares A T C G

10 Hibridização A hibridização se baseia em uma das principais características da dupla-fita de DNA a complementaridade das seqüências das duas fitas A dupla fita pode se restabelecer perfeitamente a partir de duas fitas separadas previamente As fitas podem ser separadas pela

11 Hibridização As fitas de DNA podem ser separadas pela ação do calor Com o resfriamento, as fitas complementares encontram-se, umas com as outras, e re-hibridizam

12 Polymerase Chain Reaction Thermus aquaticus, bactéria que vive em altas temperaturas Taq DNA polymerase Life at High Temperatures by Thomas D. Brock - Biotechnology in Yellowstone, 1994 Yellowstone Association for Natural Science

13 Reação em Cadeia da Polimerase

14 Reação em Cadeia da Polimerase PCR é usado para amplificar seqüências específicas de DNA O DNA molde é desnaturado (96 o C) suas fitas são separadas Dois oligonucleotídeos complementares as extremidades 3 do segmento de interesse são adicionados em excesso e a temperatura é diminuída (50-60 o C) Os oligonucleotídeos se hibridizam com seqüências complementares presentes nas moléculas do DNA molde

15 Reação em Cadeia da Polimerase

16 Reação em Cadeia da Polimerase Os óligos funcionam como iniciadores (primers) para a síntese de DNA, a qual se inicia com a adição de nucleotídeos e de uma polimerase resistente a temperatura A Taq Polimerase tem a capacidade de estender os óligos em temperaturas superiores a 72 o C Quanto a síntese esta terminada, aquece-se de novo a 96 o C para, novamente separar-se as dupla-fitas de DNA A repetição (30 40 vezes) deste ciclo de síntese,

17 PCR - P CiCLOS DA PCR Reaction 5 min 45 seg 45 seg 2 min 7 min 96 o C 96 o C 54 o C 72 o C 72 o C X

18 1-Coleta 2-Extração 4-Detecção 3-PCR

19 Etapas para a realização do PCR Etapa 1 - Extração do DNA -RNA Proteinase K Kits comerciais -Genomic Prep Blood DNA Isolation Kit (Amersham Pharmacia Biotech) Método de Boom Fenol clorofórmio

20

21 Etapa 2 - Preparo do Master Mix Mg++ dntp s nucleotídeos Taq polimerase Primers Tampão da enzima H 2 O

22 Etapa 3 Adicionar a amostra ao master mix DNA alvo

23 Etapa 4 - Amplificação no Termociclador Eppendorf Cobas MJ Applied Biosystems

24 Ciclos da PCR Etapa A- Desnaturação por aquecimento 95ºC

25 Ciclos da PCR Etapa B- Hibridização dos Primers Seqüência alvo Primer 2 Primer 1 Seqüência alvo 55ºC a 65ºC

26 Ciclos da PCR Etapa C : Extensão 72ºC Taq polimerase Taq polimerase

27 Ciclo 1 96 o C DNA original = 1 Cópia original = 0 Cópia delimitada = 0 1

28 96 o C DNA original = 1 Cópia original = 0 Cópia delimitada = 0 1

29 54 o C DNA original = 1 Cópia original = 0 Cópia delimitada = 0 1

30 54 o C DNA original = 1 Cópia original = 0 Cópia delimitada = 0 1

31 54 o C DNA original = 1 Cópia original = 0 Cópia delimitada = 0 1

32 72 o C DNA original = 1 Cópia original = 0 + Cópia delimitada = 0 1

33 72 o C DNA original = 1 Cópia original = 0 + Cópia delimitada = 0 1

34 72 o C DNA original = 1 Cópia original = 0 + Cópia delimitada = 0 1

35 72 o C DNA original = 1 Cópia original = 0 + Cópia delimitada = 0 1

36 72 o C DNA original = 1 Cópia original = 0 + Cópia delimitada = 0 1

37 Ciclo 2 96 o C DNA original = 1 Cópia original = 1 Cópia delimitada = 0 2

38 96 o C DNA original = 1 Cópia original = 1 Cópia delimitada = 0 2

39 54 o C DNA original = 1 Cópia original = 1 Cópia delimitada = 0 2

40 54 o C DNA original = 1 Cópia original = 1 Cópia delimitada = 0 2

41 54 o C DNA original = 1 Cópia original = 1 Cópia delimitada = 0 2

42 54 o C DNA original = 1 Cópia original = 1 Cópia delimitada = 0 2

43 72 o C DNA original = 1 Cópia original = 1 + Cópia delimitada = 0 + 2

44 72 o C DNA original = 1 Cópia original = 1 + Cópia delimitada = 0 + 2

45 72 o C DNA original = 1 Cópia original = 1 + Cópia delimitada = 0 + 2

46 72 o C DNA original = 1 Cópia original = 1 + Cópia delimitada = 1 2

47 72 o C DNA original = 1 Cópia original = 1 + Cópia delimitada = 1 2

48 72 o C DNA original = 1 Cópia original = 1 + Cópia delimitada = 1 2

49 72 o C DNA original = 1 Cópia original = 2 Cópia delimitada = 1 2

50 Ciclo 3 96 o C DNA original = 1 Cópia original = 2 Cópia delimitada = 1 3

51 96 o C DNA original = 1 Cópia original = 2 Cópia delimitada = 1 3

52 54 o C DNA original = 1 Cópia original = 2 Cópia delimitada = 1 3

53 54 o C DNA original = 1 Cópia original = 2 Cópia delimitada = 1 3

54 54 o C DNA original = 1 Cópia original = 2 Cópia delimitada = 1 3

55 54 o C DNA original = 1 Cópia original = 2 Cópia delimitada = 1 3

56 54 o C DNA original = 1 Cópia original = 2 Cópia delimitada = 1 3

57 72 o C DNA original = 1 Cópia original = 2 + Cópia delimitada = 1 + 3

58 72 o C DNA original = 1 Cópia original = 2 + Cópia delimitada = 1 + 3

59 72 o C DNA original = 1 Cópia original = 2 + Cópia delimitada = 1 + 3

60 72 o C DNA original = 1 Cópia original = 2 + Cópia delimitada = 4 3

61 72 o C DNA original = 1 Cópia original = 2 + Cópia delimitada = 4 3

62 72 o C DNA original = 1 Cópia original = 3 Cópia delimitada = 4 3

63 Ciclo 4 96 o C DNA original = 1 Cópia original = 3 Cópia delimitada = 4 4

64 96 o C DNA original = 1 Cópia original = 3 Cópia delimitada = 4 4

65 54 o C DNA original = 1 Cópia original = 3 Cópia delimitada = 4 4

66 54 o C DNA original = 1 Cópia original = 3 Cópia delimitada = 4 4

67 54 o C DNA original = 1 Cópia original = 3 Cópia delimitada = 4 4

68 54 o C DNA original = 1 Cópia original = 3 Cópia delimitada = 4 4

69 54 o C DNA original = 1 Cópia original = 3 Cópia delimitada = 4 4

70 72 o C DNA original = 1 Cópia original = 3 + Cópia delimitada = 4 + 4

71 72 o C DNA original = 1 Cópia original = 3 + Cópia delimitada = 4 + 4

72 72 o C DNA original = 1 Cópia original = 4 Cópia delimitada = 11 4

73 Ciclo Cópia delimitada

74 Etapa 5 - Detecção do Amplificado gel de agarose a 1,5% brometo de etídio

75 Métodos de Detecção dos Produtos de PCR Eletroforese em Gel Horizontal de Agarose Eletroforese em Gel Vertical em Poliacrilamida Hibridização ( sondas radioativas ou não radioativas) Detecção Colorimétrica Restrição Enzimática

76 Gel - Corrida de eletroforese ( - ) ( + )

77 Gel - Corrida de eletroforese ( - ) ( + )

78 Gel - Corrida de eletroforese ( - ) ( + )

79 Gel - Corrida de eletroforese ( - ) Gel - Corrida de eletroforese ( + )

80 Gel - Pipetagem das amostras (PCR)

81 OTIMIZAÇÃO DO PCR Concentração da enzima Deoxinucleotídeos Trifosfatos (dntps) Concentração do Magnésio Anelamento dos primers Extensão do primers Temperatura e Tempo de Desnaturação Números de ciclos

82 Sala 3- Amplificação e Detecção dos Produtos de PCR SETOR DE BIOLOGIA MOLECULAR Sala1- Preparo e Estocagem de Reagentes Preparação do Master Mix Sala 2- Extração e Purificação do DNA RNA Estocagem das Amostras Extraídas Adição dos Ácidos Nucléicos ao Master Mix

83 Fluxo de Trabalho Sala1 Sala 2 Sala 3 Preparação de Reagente Preparação da amostra Amplificação Detecção e Análise dos produtos de PCR

84

85 Controle de qualidade Boas Práticas de Pipetagem Organização laboratorial Vestimentas Controles Cuidados Especiais Descontaminação

86 Tipos de PCR SIMPLES 1 par de primers 1 PCR primer 1 DNA alvo primer 2 amplicon

87 TIPOS DE PCR PCR-RFLP Enzimas de Restrição cortam segmentos de DNA

88 PCR-RFLP

89 Tipos de PCR NESTED-PCR 2 pares de primers 2 PCR DNA alvo primer 1 primer 2 primer 3 amplicon primer 4 amplicon

90 Tipos de PCR MULTIPLEX-PCR vários pares de primers 1 PCR DNA alvo 2 primer 2a primer 2b amplicon primer 1a DNA alvo 1 primer 1b amplicon primer 3a DNA alvo 3 primer 3b amplicon

91 Tipos de PCR RT-PCR 1 primer anti-sense 1 PCR RNA alvo primer 1 cdna

92 Testes Realizados no LACEN Quantificação de Carga Viral HIV-1 PCR Qualitativo para HCV PCR Quantitativo para HCV PCR Qualitativo para HBV PCR para Herpes Simplex virus PCR para Herpes virus 6 PCR para Cytomegalovírus PCR para Epstein Baar vírus (tipo 1 e 2) PCR para Parvo vírus B19 PCR para Varicella zoster PCR para Mycobacterium avium PCR para Mycobacterium tuberculosis PCR para leptospira sp PCR para Toxoplasmose PCR Quantitativo para HBV pela técnica

Apostila de aula prática REAÇÃO EM CADEIA PELA POLIMERASE (PCR)

Apostila de aula prática REAÇÃO EM CADEIA PELA POLIMERASE (PCR) 1 Universidade Federal Fluminense Instituto Biomédico Departamento de Microbiologia e Parasitologia Disciplina: Virologia Apostila de aula prática REAÇÃO EM CADEIA PELA POLIMERASE (PCR) A técnica de reação

Leia mais

REAÇÃO EM CADEIA DA POLIMERASE (PCR)

REAÇÃO EM CADEIA DA POLIMERASE (PCR) Área de Ciências da Saúde Curso de Medicina Módulo: Saúde do Adulto e Idoso II GENÉTICA HUMANA Professora: Dra. Juliana Schmidt REAÇÃO EM CADEIA DA POLIMERASE (PCR) A molécula de DNA é um longo polímero

Leia mais

Exercício 3 PCR Reação em Cadeia da Polimerase

Exercício 3 PCR Reação em Cadeia da Polimerase Exercício 3 PCR Reação em Cadeia da Polimerase (Polymerase Chain Reaction - PCR) Uma das dificuldades dos pesquisadores frente à análise baseada no DNA é a escassez deste. Na medicina forense pode-se ter

Leia mais

Extração de DNA e Amplificação por PCR

Extração de DNA e Amplificação por PCR Universidade Federal de São Carlos Departamento de Genética e Evolução Disciplina Práticas de Genética Extração de DNA e Amplificação por PCR Érique de Castro 405523, Victor Martyn 405612, Wilson Lau Júnior

Leia mais

WHO GLOBAL SALM-SURV NÍVEL III

WHO GLOBAL SALM-SURV NÍVEL III WHO GLOBAL SALM-SURV NÍVEL III CAMPYLOBACTER spp. Multiplex PCR para detecção de C. jejuni e C. coli Grace Theophilo LRNCEB IOC/FIOCRUZ gtheo@ioc.fiocruz.br Diagnóstico molecular para Campylobacter spp.

Leia mais

Técnicas moleculares

Técnicas moleculares Técnicas moleculares PCR Reação em Cadeia da Polimerase Inventada em 1983 por Kary Mullis é uma das técnicas mais comuns utilizadas em laboratórios de pesquisas médicas e biológicas Kary Mullis ganhou

Leia mais

Técnicas Moleculares Aplicadas ao Estudo de Patologias

Técnicas Moleculares Aplicadas ao Estudo de Patologias Patologia x Genética Técnicas Moleculares Aplicadas ao Estudo de Patologias Lucas Brandão Patologia Clínica Definição: Fornece informações ao médico, de modo a proporcionar-lhe os meios necessários para

Leia mais

Departamento de Zoologia da Universidade de Coimbra

Departamento de Zoologia da Universidade de Coimbra Departamento de Zoologia da Universidade de Coimbra Ana Luísa Carvalho Amplificação de um fragmento de DNA por PCR Numa reacção em cadeia catalizada pela DNA polimerase (Polymerase Chain Reaction - PCR),

Leia mais

Polymerase Chain Reaction

Polymerase Chain Reaction Universidade Federal do Rio Grande do Sul Instituto de Ciências Básicas da Saúde Laboratório de Virologia Polymerase Chain Reaction Equipe de Virologia UFRGS & IPVDF www.ufrgs.br/labvir PCR Desenvolvida

Leia mais

BIOTECNOLOGIA FARMACÊUTICA. Aplicação no Laboratório Clínico - PCR APLICAÇÃO DA BIOTECNOLOGIA NO LABORATÓRIO CLÍNICO

BIOTECNOLOGIA FARMACÊUTICA. Aplicação no Laboratório Clínico - PCR APLICAÇÃO DA BIOTECNOLOGIA NO LABORATÓRIO CLÍNICO BIOTECNOLOGIA FARMACÊUTICA APLICAÇÃO DA BIOTECNOLOGIA NO LABORATÓRIO CLÍNICO Conteúdos abordados -Relembrar alguns conceitos da Replicação do DNA in vivo Aplicação no Laboratório Clínico - PCR -Algumas

Leia mais

Genética e Melhoramento de Plantas

Genética e Melhoramento de Plantas Genética e Melhoramento de Plantas Marcadores moleculares e sua utilização no melhoramento Por: Augusto Peixe Introdução ao uso de Marcadores moleculares Definição Marcador molecular é todo e qualquer

Leia mais

PCR tempo real. PCR quantitativo. 52º Congresso Nacional de Genética Foz do Iguaçu

PCR tempo real. PCR quantitativo. 52º Congresso Nacional de Genética Foz do Iguaçu PCR tempo real PCR quantitativo 52º Congresso Nacional de Genética Foz do Iguaçu Aspectos Básicos um dos métodos atuais de aferir o nível de expressão de genes mas não é o único: Northern blotting (quantificação

Leia mais

CARACTERIZAÇÃO MOLECULAR DA DREPANOCITOSE (Anemia Falciforme)

CARACTERIZAÇÃO MOLECULAR DA DREPANOCITOSE (Anemia Falciforme) CARACTERIZAÇÃO MOLECULAR DA DREPANOCITOSE (Anemia Falciforme) Genética Humana, LCS 3º Ano,1º Semestre, 2012-2013 2ª Aula Sumário Quantificação de DNA cromossomal e avaliação do grau de pureza por espectrofotometria

Leia mais

Kit para calibração de PCR pht

Kit para calibração de PCR pht Kit para calibração de PCR pht Itens fornecidos: Tampões ( concentrado) Composição ( concentrado) I0 500 mm KCl; 100 mm Tris-HCl ph 8,4; 1% Triton X-100 IB 500 mm KCl; 100 mm Tris-HCl ph 8,4; 1% Triton

Leia mais

ISOLAMENTO E MANIPULAÇÃO DE UM GENE

ISOLAMENTO E MANIPULAÇÃO DE UM GENE ISOLAMENTO E MANIPULAÇÃO DE UM GENE ISOLAMENTO E MANIPULAÇÃO DE UM GENE Importância da Engenharia Genética Diversidade biológica X Diversidade gênica Etapas básicas da Clonagem Escolha e amplificação do

Leia mais

PCR MARCADORES MOLECULARES. Prof. Dr. José Luis da C. Silva

PCR MARCADORES MOLECULARES. Prof. Dr. José Luis da C. Silva PCR MARCADORES MOLECULARES Prof. Dr. José Luis da C. Silva Histórico da PCR Kornberg (1960) Isolou e caracterizou a DNA polimerase. O isolamento desta enzima possibilitou o desenvolvimento da síntese in

Leia mais

Técnicas de biologia molecular. da análise de genes e produtos gênicos únicos a abordagens em larga escala

Técnicas de biologia molecular. da análise de genes e produtos gênicos únicos a abordagens em larga escala Técnicas de biologia molecular da análise de genes e produtos gênicos únicos a abordagens em larga escala os mesmos genes, qual a diferença? Dogma central Localizando alvos Técnicas iniciais para evidenciar

Leia mais

PLANO DE MINICURSO TÍTULO DO MINICURSO: 60 ANOS DO DNA E OS AVANÇOS DA PRODUÇÃO AGROPECUÁRIA

PLANO DE MINICURSO TÍTULO DO MINICURSO: 60 ANOS DO DNA E OS AVANÇOS DA PRODUÇÃO AGROPECUÁRIA PLANO DE MINICURSO TÍTULO DO MINICURSO: 60 ANOS DO DNA E OS AVANÇOS DA PRODUÇÃO AGROPECUÁRIA OBJETIVO: Proporcionar aos participantes uma maior compreensão dos avanços que a descoberta da estrutura da

Leia mais

Mestrado em Genética Molecular

Mestrado em Genética Molecular Mestrado em Genética Molecular Ano lectivo de 2000/2001, edição 2000-2002 Biologia Molecular Expressão génica (RT-PCR) Protocolo das sessões práticas Braga, 2000 Rui Pedro Soares de Oliveira Mestrado em

Leia mais

X JORNADA FARMACÊUTICA E V AMOSTRA DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIAS EM PCR EM TEMPO REAL: OTIMIZANDO CUSTOS E PRODUTIVIDADE

X JORNADA FARMACÊUTICA E V AMOSTRA DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIAS EM PCR EM TEMPO REAL: OTIMIZANDO CUSTOS E PRODUTIVIDADE X JORNADA FARMACÊUTICA E V AMOSTRA DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIAS EM PCR EM TEMPO REAL: OTIMIZANDO CUSTOS E PRODUTIVIDADE Sueli Massumi Nakatani Laboratório Central do Estado LACEN-PR Maio de 2010 Laboratório

Leia mais

O papel das nodulinas na fixação biológica do nitrogênio na cultura de soja

O papel das nodulinas na fixação biológica do nitrogênio na cultura de soja O papel das nodulinas na fixação biológica do nitrogênio na cultura de soja SOUZA, R.C. 1 ; SANTOS, M.A. 2 ; HUNGRIA, M. 3 1 Centro Universitário Filadélfia - Unifil, renata@ cnpso.embrapa.br; 2 Escola

Leia mais

Biologia Molecular. Técnicas Moleculares. Lucas Brandão

Biologia Molecular. Técnicas Moleculares. Lucas Brandão Biologia Molecular Técnicas Moleculares Lucas Brandão CONCEITOS BÁSICOS Núcleo - Célula Humana DENTRO DO DNA SE ENCONTRAM OS GENE Definição de Genes Estrutura Gênica n=23, X ou Y 5 UTR 1 Pai Introns 2

Leia mais

Manual Técnico. quantificação de DNA humano em análises forenses. Para WWW.GENOMIC.COM.BR

Manual Técnico. quantificação de DNA humano em análises forenses. Para WWW.GENOMIC.COM.BR Kit Genomic de Quantificação de DNA Manual Técnico Para quantificação de DNA humano em análises forenses WWW.GENOMIC.COM.BR 1. Introdução Na maioria dos casos forenses, as amostras recebidas apresentam-se

Leia mais

Exercício 4 Sequenciamento por finalizadores de cadeia Sequenciamento do DNA: os finalizadores

Exercício 4 Sequenciamento por finalizadores de cadeia Sequenciamento do DNA: os finalizadores Exercício 4 Sequenciamento por finalizadores de cadeia Sequenciamento do DNA: os finalizadores A determinação da seqüência de bases de um segmento de DNA é um passo crítico em muitas aplicações da Biotecnologia.

Leia mais

Biotecnologia: principais me todos moleculares

Biotecnologia: principais me todos moleculares Biotecnologia: principais me todos moleculares Raphael Bessa Parmigiani, PhD Centro de Oncologia Molecular Instituto Sírio-Libanês de Ensino e Pesquisa Curso de Introdução à Biologia Molecular Goiânia,

Leia mais

O que é a Reacção em Cadeia da Polimerase (PCR)?

O que é a Reacção em Cadeia da Polimerase (PCR)? O que é a Reacção em Cadeia da Polimerase (PCR)? O que é a Reacção em Cadeia da Polimerase (PCR)? 3 5 F R 3 5 Um processo para multiplicar selectivamente um determinado segmento de DNA Esse segmento pode

Leia mais

deficiências gênicas em amostras de DNA, de seres humanos e/ou animais, o qual além

deficiências gênicas em amostras de DNA, de seres humanos e/ou animais, o qual além "PROCESSO DE IDENTIFICAÇÃO E INVESTIGAÇÃO DE DEFICIENCIAS GÊNICAS COM UTILIZAÇÃO DE FLUORESCÊNCIA, OU PROCESSO PCR MULTIPLEX FLUORESCENTE". Trata o presente relatório da descrição detalhada acompanhada

Leia mais

PCR in situ PCR Hotstart

PCR in situ PCR Hotstart Bruno Matos e Júlia Cougo PCR in situ PCR Hotstart Disciplina de Biologia Molecular Profª. Fabiana Seixas Graduação em Biotecnologia - UFPel PCR in situ - É a técnica de PCR usada diretamente numa lâmina

Leia mais

Sequenciamento de DNA

Sequenciamento de DNA Sequenciamento de DNA Figure 8-50a Molecular Biology of the Cell ( Garland Science 2008) Método de Sanger Reação de síntese de DNA por uma DNA polimerase A incorporação de um dideoxinucleotídeo interrompe

Leia mais

LABORATÓRIO DE BIOENGENHARIA. Métodos rápidos de tipagem de microrganismos

LABORATÓRIO DE BIOENGENHARIA. Métodos rápidos de tipagem de microrganismos LABORATÓRIO DE BIOENGENHARIA Métodos rápidos de tipagem de microrganismos Tradicionalmente, o estudo de microrganismos, a nível genético, bioquímico/fisiológico ou apenas a nível de identificação, requer

Leia mais

RELATÓRIO DE AULA PRÁTICA

RELATÓRIO DE AULA PRÁTICA RELATÓRIO DE AULA PRÁTICA Universidade Federal de Minas Gerais Instituto de Ciências Biológicas Departamento de Bioquímica e Imunologia Professor: Miguel Alunos: Gustavo Bastos, Hugo Rezende, Monica Maertens,

Leia mais

Técnicas de PCR: Aplicações e Padronização de Reações

Técnicas de PCR: Aplicações e Padronização de Reações Técnicas de PCR: Aplicações e Padronização de Reações BSc. Daniel Perez Vieira (Protozoologia-IMTSP/ Laboratório de Biologia Molecular-IPEN) Aula 1 - PCR: Princípios e tipos de Reação Breve Histórico Desenvolvida

Leia mais

Engenharia Molecular. Kit Autossômico GEM. EM-22plex sem extração. Manual Técnico WWW.GENOMIC.COM.BR

Engenharia Molecular. Kit Autossômico GEM. EM-22plex sem extração. Manual Técnico WWW.GENOMIC.COM.BR Engenharia Molecular Kit Autossômico GEM EM-22plex sem extração Manual Técnico WWW.GENOMIC.COM.BR 1. Introdução STRs (short tandem repeats) são sequências repetitivas de 3 a 7 pares de bases encontradas

Leia mais

Análise Genética de Ceiba pentandra (samaúma) ocorrentes na área de Influência da UHE Santo Antônio.

Análise Genética de Ceiba pentandra (samaúma) ocorrentes na área de Influência da UHE Santo Antônio. PROJETO: Análise Genética das Populações de Myrciaria dubia (camu-camu) e Ceiba pentandra (samaúma) ocorrentes na área de Influencia da UHE Santo Antônio. Análise Genética de Ceiba pentandra (samaúma)

Leia mais

APRESENTAÇÃO DE PROPOSTA DE CURSO: DNA NA ESCOLA

APRESENTAÇÃO DE PROPOSTA DE CURSO: DNA NA ESCOLA APRESENTAÇÃO DE PROPOSTA DE CURSO: DNA NA ESCOLA Público alvo: Estudantes de 3º ano do ensino médio Local: Escolas de ensino médio e/ou cursos pré-vestibulares Carga horária: 12 horas Organização: HELIX

Leia mais

IV CURSO DE VERÃO EM BIOLOGIA MOLECULAR E GENÔMICA

IV CURSO DE VERÃO EM BIOLOGIA MOLECULAR E GENÔMICA Reação em Cadeia de Polimerase IV CURSO DE VERÃO EM BIOLOGIA MOLECULAR E GENÔMICA MsC. Ingrid Thaís Beltrame Botelho doutoranda ingridthaisbb@hotmail.com O que é PCR? Amplificação de um segmento específico

Leia mais

Resultado Part Fabricante Método Sistema Detecção Item BM01 Item BM02 Item BM03

Resultado Part Fabricante Método Sistema Detecção Item BM01 Item BM02 Item BM03 ENSAIOS QUALITATIVOS HBV -DNA Resultado Part Fabricante Método Sistema Detecção Item BM01 Item BM02 Item BM03 5 Bayer bdna Eletroquimioluminescência Não Detectável Não Detectável Não Detectável 25 (Próprio)

Leia mais

LICENCIATURA EM MEDICINA

LICENCIATURA EM MEDICINA LICENCIATURA EM MEDICINA Disciplina de Biologia Molecular (2º Ano) Ano Lectivo de 2006/2007 3º AULA PRÁTICA 1 - Introdução à tecnologia de PCR 1.1. A reacção de PCR Príncipios e variantes da técnica 2.

Leia mais

DIVISÃO DE LABORATÓRIO CENTRAL HC FMUSP PARAMETRIZAÇÃO DE COLETA

DIVISÃO DE LABORATÓRIO CENTRAL HC FMUSP PARAMETRIZAÇÃO DE COLETA EXAMES BPAI (solicitação somente em formulário específico de BPAI) MATERIAL BIOLÓGICO EXAMES INSTRUÇÕES DE COLETA CID / BPA CÓDIGO DO LAUDO MÉDICO BPA NECESSIDADE BPAI AMBULATÓRIO ENFERMARIA Genotipagem

Leia mais

CYCLER CHECK. Kit de teste para a validação da uniformidade da temperatura em termocicladores. pronto a usar, pré-aliquotado. REF 71044 (4 testes)

CYCLER CHECK. Kit de teste para a validação da uniformidade da temperatura em termocicladores. pronto a usar, pré-aliquotado. REF 71044 (4 testes) PT Instruções de utilização CYCLER CHECK Kit de teste para a validação da uniformidade da temperatura em termocicladores pronto a usar, pré-aliquotado REF 7104 (10 testes) REF 71044 (4 testes) Índice 1.

Leia mais

SEQÜENCIAMENTO ENCIAMENTO DE DNA: MÉTODOS E PRINCÍPIOS

SEQÜENCIAMENTO ENCIAMENTO DE DNA: MÉTODOS E PRINCÍPIOS SEQÜENCIAMENTO ENCIAMENTO DE DNA: MÉTODOS E PRINCÍPIOS PIOS Cristiane Kioko Shimabukuro Dias Pós-doutorado - FAPESP E-mail: crisdias@ibb.unesp.br Laboratório de Biologia e Genética de Peixes - Departamento

Leia mais

Conceitos Básicos de Técnicas em Biologia Molecular

Conceitos Básicos de Técnicas em Biologia Molecular Conceitos Básicos de Técnicas em Biologia Molecular 1 2 Conceitos Básicos de Técnicas em Biologia Molecular Conceitos Básicos de Técnicas em Biologia Molecular 3 ISSN 0103-0205 Setembro, 2008 Empresa Brasileira

Leia mais

Noções Básicas de Seqüenciamento Genético. Maria do Carmo Debur LACEN/PR

Noções Básicas de Seqüenciamento Genético. Maria do Carmo Debur LACEN/PR Noções Básicas de Seqüenciamento Genético Maria do Carmo Debur LACEN/PR Determinar a seqüência de nucleo3deos do DNA Métodos Clássicos 1976 Allan Maxam e Walter Gilbert (EUA) Método da Degradação Química

Leia mais

Como o DNA nuclear comanda todo o funcionamento da célula????

Como o DNA nuclear comanda todo o funcionamento da célula???? início Moléculas de RNA Como o DNA nuclear comanda todo o funcionamento da célula???? gene DNA espaçador fim Profa Estela Rossetto início O que faz o DNA? http://rizomas. net/ensino-debiologia/recur sospedagogicos/2

Leia mais

Técnicas de PCR: Aplicações e Padronização de Reações

Técnicas de PCR: Aplicações e Padronização de Reações Técnicas de PCR: Aplicações e Padronização de Reações BSc. Daniel Perez Vieira (Protozoologia-IMTSP/ Laboratório de Biologia Molecular-IPEN) Aula 3 - Análise dos produtos: Qualitativa e Semi- Quantitativa

Leia mais

Introdução a Biologia Molecular

Introdução a Biologia Molecular Mestrado em Microbiologia e Parasitologia Disciplina: Fundamentos de Biologia Molecular Introdução a Biologia Molecular Profa. Rita de Cássia Nasser Cubel Garcia Biologia Molecular consiste principalmente

Leia mais

DNA A molécula da vida. Prof. Biel Série: 9º ano

DNA A molécula da vida. Prof. Biel Série: 9º ano DNA A molécula da vida Prof. Biel Série: 9º ano DNA FINGER-PRINTING A expressão DNA "Finger-Print" (ou Impressões Genéticas) designa uma técnica de separação de segmentos de DNA que permite a identificação

Leia mais

Rachel Siqueira de Queiroz Simões, Ph.D rachelsqsimoes@gmail.com rachel.simoes@ioc.fiocruz.br

Rachel Siqueira de Queiroz Simões, Ph.D rachelsqsimoes@gmail.com rachel.simoes@ioc.fiocruz.br Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro Centro de Ciências Biológicas e da Saúde Casa da Medicina Unidade Gávea Coordenação Central de Extensão EPIDEMIOLOGIA MOLECULAR Rachel Siqueira de Queiroz

Leia mais

ELETROFORESE APLICADA À ANÁLISE DE DNA

ELETROFORESE APLICADA À ANÁLISE DE DNA ELETROFORESE APLICADA À ANÁLISE DE DNA Eletroforese Separação de moléculas carregadas em um campo elétrico. As moléculas em uma mistura são separadas umas das outras conforme o tamanho ou a carga Eletroforese

Leia mais

TÉCNICAS DE ESTUDO EM PATOLOGIA

TÉCNICAS DE ESTUDO EM PATOLOGIA TÉCNICAS DE ESTUDO EM PATOLOGIA Augusto Schneider Carlos Castilho de Barros Faculdade de Nutrição Universidade Federal de Pelotas TÉCNICAS Citologia Histologia Imunohistoquímica Citometria Biologia molecular

Leia mais

Sistema Web para Projeto de PCR

Sistema Web para Projeto de PCR Sistema Web para Projeto de PCR Abstract. This paper describes a web system that help the work of molecular biologists, automatizating the steps necessary for preparing a PCR experiment. This system will

Leia mais

DIVISÃO DE LABORATÓRIO CENTRAL HC FMUSP

DIVISÃO DE LABORATÓRIO CENTRAL HC FMUSP EXAMES BPAI (solicitação feita somente em formulário específico de BPAI) MATERIAL BIOLÓGICO EXAMES INSTRUÇÕES DE COLETA CID / BPA CÓDIGO DO LAUDO MÉDICO BPA NECESSIDADE BPAI AMBULATÓRIO ENFERMARIA Genotipagem

Leia mais

ls_pinto@hotmail.com Sibele Borsuk sibele@ufpel.tche.br

ls_pinto@hotmail.com Sibele Borsuk sibele@ufpel.tche.br Universidade Tiradentes Mestrado em Biotecnologia Industrial Seqüenciamento de DNA ls_pinto@hotmail.com Sibele Borsuk sibele@ufpel.tche.br Sequenciamento de DNA em MegaBACE DNA Analysis Systems TGTGAACACACGTGTGGATTGG...

Leia mais

Pontifícia Universidade Católica de Goiás Departamento de Biologia Prof. Hugo Henrique Pádua M.Sc. Fundamentos de Biofísica.

Pontifícia Universidade Católica de Goiás Departamento de Biologia Prof. Hugo Henrique Pádua M.Sc. Fundamentos de Biofísica. Pontifícia Universidade Católica de Goiás Departamento de Biologia Prof. Hugo Henrique Pádua M.Sc. Fundamentos de Biofísica Eletroforese Introdução a Eletroforese Eletroforese migração de moléculas ionizadas,

Leia mais

Reacção em cadeia da polimerase (PCR -Polymerase chain reaction)

Reacção em cadeia da polimerase (PCR -Polymerase chain reaction) Reacção em cadeia da polimerase (PCR -Polymerase chain reaction) - Realiza a replicação selectiva e rápida de uma sequência específica de nucleotídeos a partir de uma mistura complexa de DNAs amplificação

Leia mais

Wipe Test. Controlo de contaminação. Kit de teste para a deteção de contaminação numa base genética molecular REF 7091.

Wipe Test. Controlo de contaminação. Kit de teste para a deteção de contaminação numa base genética molecular REF 7091. PT Instruções de utilização Wipe Test Controlo de contaminação Kit de teste para a deteção de contaminação numa base genética molecular REF 7091 40 reacções 1. Descrição do produto O uso da Polymerase

Leia mais

Avaliação Curso de Formação Pós-Graduada da Biologia Molecular à Biologia Sintética 15 de Julho de 2011 Nome

Avaliação Curso de Formação Pós-Graduada da Biologia Molecular à Biologia Sintética 15 de Julho de 2011 Nome 1 Avaliação Curso de Formação Pós-Graduada da Biologia Molecular à Biologia Sintética 15 de Julho de 2011 Nome 1 - As enzimas de restrição ou endonucleases recebem uma designação que provem (1 valor) a)

Leia mais

09 Mutações não interferem no polimorfismo genético e não constituem modificações hereditárias.

09 Mutações não interferem no polimorfismo genético e não constituem modificações hereditárias. LISTA DE EXERCÍCIOS 01 Para a realização do exame de paternidade, a perícia, geralmente, é realizada no campo médico-legal por meio da pesquisa do DNA. Porém, pode ocorrer que, sendo esta impossível por

Leia mais

PADRONIZAÇÃO DE ENSAIO DE PCR EM TEMPO REAL EM FORMATO MULTIPLEX APLICADO AO DIAGNÓSTICO DE INFECÇÕES POR HTLV-1 E HTLV-2

PADRONIZAÇÃO DE ENSAIO DE PCR EM TEMPO REAL EM FORMATO MULTIPLEX APLICADO AO DIAGNÓSTICO DE INFECÇÕES POR HTLV-1 E HTLV-2 PADRONIZAÇÃO DE ENSAIO DE PCR EM TEMPO REAL EM FORMATO MULTIPLEX APLICADO AO DIAGNÓSTICO DE INFECÇÕES POR HTLV-1 E HTLV-2 Gonçalves MG 1, Fukasawa LO 1, Alencar WK 2, Caterino-de-Araujo A 1 1 Instituto

Leia mais

Manual da Oficina Prática de Genética, Genoma e Biotecnologia. Quarto Módulo

Manual da Oficina Prática de Genética, Genoma e Biotecnologia. Quarto Módulo www.odnavaiaescola.org Todos os direitos reservados à DNA Goes to School, Inc. 2003 Manual da Oficina Prática de Genética, Genoma e Biotecnologia Quarto Módulo Multiplicando o nosso DNA Kary Mullis A técnica

Leia mais

Antes da descoberta dos sirnas oligonucleotídeos antisenso (ASO) eram usados para silenciar genes

Antes da descoberta dos sirnas oligonucleotídeos antisenso (ASO) eram usados para silenciar genes Antes da descoberta dos sirnas oligonucleotídeos antisenso (ASO) eram usados para silenciar genes Zamecnik PC and Stephenson ML, 1978: oligonucleotídeos como agentes antisenso para inibir replicação viral.

Leia mais

DIVISÃO DE LABORATÓRIO CENTRAL HC FMUSP PARAMETRIZAÇÃO DE COLETA

DIVISÃO DE LABORATÓRIO CENTRAL HC FMUSP PARAMETRIZAÇÃO DE COLETA EXAMES BPAI (solicitação somente em formulário específico de BPAI) MATERIAL BIOLÓGICO EXAMES INSTRUÇÕES DE COLETA CID / BPA CÓDIGO DO LAUDO MÉDICO BPA NECESSIDADE BPAI AMBULATÓRIO ENFERMARIA Genotipagem

Leia mais

Genetic Resources and Biotechnology Cenargen

Genetic Resources and Biotechnology Cenargen Genetic Resources and Biotechnology Cenargen Curso PCR em Tempo Real Dr. Júlio Carlyle M. Rodrigues (Cenargen) XVIII MET Salvador, Outubro 2013 Introdução: Reação em Cadeia da Polimerase Mecanismo de replicação;

Leia mais

As enzimas de restrição

As enzimas de restrição As enzimas de restrição A Engenharia Genética é possível graças a um grupo especial de enzimas que cortam o DNA. Estas enzimas são chamadas de enzimas de restrição ou endonucleases de restrição. As enzimas

Leia mais

Biologia molecular aplicada ao diagnóstico de vírus

Biologia molecular aplicada ao diagnóstico de vírus Biologia molecular aplicada ao diagnóstico de vírus Tânia Rosária Pereira Freitas Pesquisadora em Ciências Exatas e da Natureza Virologia Animal - Lanagro/MG Biologia Molecular DNA RNA Proteínas Célula

Leia mais

Técnicas Moleculares

Técnicas Moleculares Biologia Molecular no Diagnóstico de Infecção :HPV Maria Elizabeth Menezes,MSc;Ph.D e-mail:melmenezes@dnanalise.com.br DNAnálise Laboratório Técnicas Moleculares HIBRIDIZAÇÃO IN SITU SEQÜENCIAMENTO PCR

Leia mais

Lâmina adesiva vedante 3 Plástico e cola

Lâmina adesiva vedante 3 Plástico e cola RTS120 MTB Q PCR Alert Kit Instruções de Uso USO PRETENDIDO O Kit MTB Q-PCR Alert Kit é um ensaio qualitativo de amplificação de ácidos nucleicos para a detecção de DNA de Mycobacterium tuberculosis (MTB)

Leia mais

Construção de Bibliotecas de cdna

Construção de Bibliotecas de cdna Construção de Bibliotecas de cdna Claudia Teixeira Guimarães Antônio A.C. Purcino Eliane A. Gomes Jurandir V. Magalhães Newton P. Carneiro Elto E.G. Gama Robert E. Schaffert Sidney N. Parentoni Vera M.C.

Leia mais

TÍTULO: ESTUDO RETROSPECTIVO DA OCORRÊNCIA DE EHRLICHIA CANIS DA CIDADE DE RIBEIRÃO PRETO DOS ANOS DE 2014 À 2015

TÍTULO: ESTUDO RETROSPECTIVO DA OCORRÊNCIA DE EHRLICHIA CANIS DA CIDADE DE RIBEIRÃO PRETO DOS ANOS DE 2014 À 2015 TÍTULO: ESTUDO RETROSPECTIVO DA OCORRÊNCIA DE EHRLICHIA CANIS DA CIDADE DE RIBEIRÃO PRETO DOS ANOS DE 2014 À 2015 CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E SAÚDE SUBÁREA: MEDICINA VETERINÁRIA INSTITUIÇÃO:

Leia mais

IMPLANTAÇÃO DA TÉCNICA DE MIRU (MYCOBACTERIAL INTERSPERSED REPETITIVE UNITS) PARA CARACTERIZAR MOLECULARMENTE Mycobacterium tuberculosis

IMPLANTAÇÃO DA TÉCNICA DE MIRU (MYCOBACTERIAL INTERSPERSED REPETITIVE UNITS) PARA CARACTERIZAR MOLECULARMENTE Mycobacterium tuberculosis IMPLANTAÇÃO DA TÉCNICA DE MIRU (MYCOBACTERIAL INTERSPERSED REPETITIVE UNITS) PARA CARACTERIZAR MOLECULARMENTE Mycobacterium tuberculosis Natália Sanches Xavier (PIBIC/CNPq-FA-UEM), Rosilene Fressatti Cardoso

Leia mais

Southern blotting análise de DNA. Northern blotting análise de RNA. Western blotting análise de proteínas

Southern blotting análise de DNA. Northern blotting análise de RNA. Western blotting análise de proteínas Southern blotting análise de DNA Northern blotting análise de RNA Western blotting análise de proteínas Southern blotting Hibridação DNA-DNA em membrana Southern blot Digestão enzimática Eletroforese em

Leia mais

PROCEDIMENTOS SEQUENCIADOS PARA O DIAGNÓSTICO, INCLUSÃO E MONITORAMENTO DO TRATAMENTO DA INFECÇÃO PELO VÍRUS DA HEPATITE C.

PROCEDIMENTOS SEQUENCIADOS PARA O DIAGNÓSTICO, INCLUSÃO E MONITORAMENTO DO TRATAMENTO DA INFECÇÃO PELO VÍRUS DA HEPATITE C. PROCEDIMENTOS SEQUENCIADOS PARA O DIAGNÓSTICO, INCLUSÃO E MONITORAMENTO DO TRATAMENTO DA INFECÇÃO PELO VÍRUS DA HEPATITE C. A) DIAGNÓSTICO ETAPA I - TRIAGEM SOROLÓGICA ( ANTI-HCV ) ETAPA II CONFIRMAÇAO

Leia mais

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária Embrapa Amazônia Oriental Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária Embrapa Amazônia Oriental Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária Embrapa Amazônia Oriental Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Embrapa Amazônia Oriental Belém, PA 2015 DIVERGÊNCIA GENÉTICA ENTRE MATRIZES DE

Leia mais

Do Corpo Humano ao DNA. Noções de Biologia Molecular. Nucleotídeos - DNA RNA. Dogma central. Prof a. Dr a. Mônica B.

Do Corpo Humano ao DNA. Noções de Biologia Molecular. Nucleotídeos - DNA RNA. Dogma central. Prof a. Dr a. Mônica B. Do Corpo Humano ao DNA Noções de Biologia Molecular Prof a. Dr a. Mônica B. Melo FCM - SCSP - Estrutura dos ácidos nucléicos (DNA, RNA) - Replicação - Transcrição - Processamento - Tradução -Mutações -

Leia mais

Técnicas de PCR: Aplicações e Padronização de Reações

Técnicas de PCR: Aplicações e Padronização de Reações Técnicas de PCR: Aplicações e Padronização de Reações BSc. Daniel Perez Vieira (Protozoologia-IMTSP/ Laboratório de Biologia Molecular-IPEN) Aula 4 - Recursos Computacionais: Programas e Sites Relacionados

Leia mais

DETECÇÃO E DIFERENCIAÇÃO DOS POLIOMAVÍRUS JC E BK PELA REAÇÃO EM CADEIA DA POLIMERASE (PCR) SEMI-NESTED

DETECÇÃO E DIFERENCIAÇÃO DOS POLIOMAVÍRUS JC E BK PELA REAÇÃO EM CADEIA DA POLIMERASE (PCR) SEMI-NESTED DETECÇÃO E DIFERENCIAÇÃO DOS POLIOMAVÍRUS JC E BK PELA REAÇÃO EM CADEIA DA POLIMERASE (PCR) SEMI-NESTED Alâna Costa de Oliveira 1, Marisa Chesky 2 Farmacêutica do Laboratório de Diagnóstico de Doenças

Leia mais

Técnicas de PCR: Aplicações e Padronização de Reações

Técnicas de PCR: Aplicações e Padronização de Reações Técnicas de PCR: Aplicações e Padronização de Reações BSc. Daniel Perez Vieira (Protozoologia-IMTSP/ Laboratório de Biologia Molecular-IPEN) Aula 2 - Características das Reações e Padronização O advento

Leia mais

ANÁLISE GENÔMICA, MAPEAMENTO E ANÁLISE DE QTLs

ANÁLISE GENÔMICA, MAPEAMENTO E ANÁLISE DE QTLs ANÁLISE GENÔMICA, MAPEAMENTO E ANÁLISE DE QTLs João Meidanis Scylla Bioinformática e UNICAMP III Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas Gramado, RS Maio 2005 MINI-CURSO - AGENDA 1. Primeiro Dia

Leia mais

Rev. 04 Out/2013. Amostras

Rev. 04 Out/2013. Amostras BANG07-02 BANG07-05 Philadelphia Oligomix Alert Kit Instruções de Uso USO PRETENDIDO O produto «PHILADELPHIA oligomix Alert kit» é um teste qualitativo de amplificação dos ácidos nucleicos para a pesquisa

Leia mais

Lílian Maria Lapa Montenegro Departamento de Imunologia Laboratório rio de Imunoepidemiologia

Lílian Maria Lapa Montenegro Departamento de Imunologia Laboratório rio de Imunoepidemiologia XVIII Congresso Mundial de Epidemiologia e VII Congresso Brasileiro de Epidemiologia Avaliação do desempenho da técnica de nested- PCR em amostras de sangue coletadas de pacientes pediátricos com suspeita

Leia mais

PCR Real-time thermal cycler Standard thermal cycler

PCR Real-time thermal cycler Standard thermal cycler PCR Real-time thermal cycler Standard thermal cycler Tópicos (1) Estratégias gerais de estudo de sequências de DNA específicas em populações de DNA complexas Requisitos da reacção de polimerização em cadeia

Leia mais

HEPATITE C PCR Qualitativo, Quantitativo e Genotipagem

HEPATITE C PCR Qualitativo, Quantitativo e Genotipagem HEPATITE C PCR Qualitativo, Quantitativo e Genotipagem O Vírus da Hepatite C (HCV) é considerado o principal agente etiológico responsável por 90 a 95% dos casos de hepatite pós-transfusional não A e não

Leia mais

DNA polimerases dependentes de "template"

DNA polimerases dependentes de template DNA polimerases dependentes de "template" - Adicionam deoxiribonucleótidos à extremidade 3' de cadeias duplas de DNA com um local de "priming" - A síntese ocorre exclusivamente na direcção 5'-3' da nova

Leia mais

UM NOVO TESTE PARA TUBERCULOSE

UM NOVO TESTE PARA TUBERCULOSE UM NOVO TESTE PARA TUBERCULOSE Rio de Janeiro e Manaus testam para o Ministério da Saúde uma nova tecnologia para o diagnóstico da tuberculose pulmonar Que novo teste é este? O Xpert MTB/RIF é um método

Leia mais

VI Congresso Brasileiro de Biossegurança Simpósio Latino-Americano de Produtos Biotecnológicos

VI Congresso Brasileiro de Biossegurança Simpósio Latino-Americano de Produtos Biotecnológicos VI Congresso Brasileiro de Biossegurança Simpósio Latino-Americano de Produtos Biotecnológicos Rio de Janeiro, 21-25 setembro de 2009 Universidade do Estado do Rio de Janeiro - UERJ Construções Mais Comuns

Leia mais

PCR. Transiluminador * Características

PCR. Transiluminador * Características PCR PCR A PCR - reação em cadeia da polimerase - é uma técnica de biologia molecular que permite a replicação in vitro do DNA de maneira eficiente, utilizando amostras que podem ser amplificadas milhões

Leia mais

Alexandre Havt. Estrutura dos Ácidos Nucléicos. DNA e RNA Replicação Transcrição Tradução Introdução à Biologia Molecular

Alexandre Havt. Estrutura dos Ácidos Nucléicos. DNA e RNA Replicação Transcrição Tradução Introdução à Biologia Molecular Estrutura dos Ácidos Nucléicos DN e RN Replicação Transcrição Tradução Introdução à Biologia Molecular lexandre Havt Moléculas com informações para a síntese de proteínas DN armazém ou biblioteca celular

Leia mais

TÉCNICA E APLICAÇÃO DA REAÇÃO DA POLIMERASE.pmd 1 EM CADEIA NA ÁREA ODONTOLÓGICA

TÉCNICA E APLICAÇÃO DA REAÇÃO DA POLIMERASE.pmd 1 EM CADEIA NA ÁREA ODONTOLÓGICA TÉCNICA E APLICAÇÃO DA REAÇÃO DA POLIMERASE EM CADEIA NA ÁREA ODONTOLÓGICA TECHNIQUE AND APPLICATION OF POLYMERASE CHAIN REACTION IN DENTISTRY. Patricia Ramos CURY 1 Cristiane FURUSE 2 Ney Soares ARAÚJO

Leia mais

Genética Molecular Técnicas aplicadas a produção animal

Genética Molecular Técnicas aplicadas a produção animal MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS FACULDADE DE AGRONOMIA ELISEU MACIEL DEPARTAMENTO DE ZOOTECNIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ZOOTECNIA Genética Molecular Técnicas aplicadas a produção

Leia mais

Análises de DNA. O DNA e sua história. DNA nos remete a Hereditariedade. -Hipócrates ( a.c.): pangênese

Análises de DNA. O DNA e sua história. DNA nos remete a Hereditariedade. -Hipócrates ( a.c.): pangênese Análises de DNA O DNA e sua história DNA nos remete a Hereditariedade -Hipócrates (460-377 a.c.): pangênese -Aristóteles (384-322 a.c.): transmissão das características pelo sêmen 1 O genoma e sua história

Leia mais

AMPLIFICAÇÃO DE DNA PELA TÉCNICA DE PCR REALIZADA EM SALA DE AULA UTILIZANDO MOLDES DE PAPEL

AMPLIFICAÇÃO DE DNA PELA TÉCNICA DE PCR REALIZADA EM SALA DE AULA UTILIZANDO MOLDES DE PAPEL AMPLIFICAÇÃO DE DNA PELA TÉCNICA DE PCR REALIZADA EM SALA DE AULA UTILIZANDO MOLDES DE PAPEL 1. Introdução 1 Lanusse Andrade Fernades (UEG) Lanusse.biologia@gmail.com Flávio Monteiro Ayres (UEG) flavioayres@yahoo.com

Leia mais

Rev. 04 Out/2013. a) Preparo da etapa de amplificação real time área de pós PCR:

Rev. 04 Out/2013. a) Preparo da etapa de amplificação real time área de pós PCR: RTSD01-II Fator II G20210A Q PCR Alert Kit Rev. 04 Out/2013 Instruções de Uso USO PRETENDIDO O produto FATOR II Q-PCR Alert é um kit para teste de amplificação quantitativa de ácidos nucleicos para a determinação

Leia mais

Curso: Marcadores Moleculares aplicados a organismos de interesse epidemiológico

Curso: Marcadores Moleculares aplicados a organismos de interesse epidemiológico Curso: Marcadores Moleculares aplicados a organismos de interesse epidemiológico SUCEN Superintendência de Controle de Endemias São Paulo 17 a 22 de agosto de 2009 Aula : PCR EM TEMPO REAL José Eduardo

Leia mais

PCR. Transiluminador * Cubas de Eletroforese * Características

PCR. Transiluminador * Cubas de Eletroforese * Características PCR PCR A PCR - reação em cadeia da polimerase - é uma técnica de biologia molecular que permite a replicação in vitro do DNA de maneira eficiente, utilizando amostras que podem ser amplificadas milhões

Leia mais

A eletroforese é uma técnica utilizada para separar, identificar e purificar

A eletroforese é uma técnica utilizada para separar, identificar e purificar 7. ELETROFORESE DE ÁCIDOS NUCLÉICOS João José de Simoni Gouveia Luciana Correia de Almeida Regitano A eletroforese é uma técnica utilizada para separar, identificar e purificar moléculas carregadas (como

Leia mais

Produção de Proteínas Recombinantes em Escherichia coli

Produção de Proteínas Recombinantes em Escherichia coli Produção de Proteínas Recombinantes em Escherichia coli Prof. Dr. Catarina Akiko Miyamoto 1 Resumo A produção de proteínas recombinantes para fins terapêuticos, veterinários, e agro-pecuários tem se mostrado

Leia mais

Fundação Oswaldo Cruz

Fundação Oswaldo Cruz Fundação Oswaldo Cruz Concurso Público 2010 Tecnologista em Saúde Pública Prova Objetiva Código da prova C3137 Virologia Aplicada a Imunobiológicos Instruções: Você deverá receber do fiscal: a) um caderno

Leia mais

Fundamentos teórico-práticos e protocolos de extração e de amplificação de dna por meio da técnica de reação em cadeia da polimerase

Fundamentos teórico-práticos e protocolos de extração e de amplificação de dna por meio da técnica de reação em cadeia da polimerase Fundamentos teórico-práticos e protocolos de extração e de amplificação de dna por meio da técnica de reação em cadeia Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária Embrapa Pecuária Sudeste Ministério da

Leia mais

VIABILIDADE NO USO DO PCR NA DETECÇÃO DE OGMs EM ALIMENTOS IRRADIADOS CONTENDO MILHO

VIABILIDADE NO USO DO PCR NA DETECÇÃO DE OGMs EM ALIMENTOS IRRADIADOS CONTENDO MILHO 2005 International Nuclear Atlantic Conference - INAC 2005 Santos, SP, Brazil, August 28 to September 2, 2005 ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ENERGIA NUCLEAR - ABEN ISBN: 85-99141-01-5 VIABILIDADE NO USO DO PCR

Leia mais