TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO. Professor Marlos Pires Gonçalves

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO. Professor Marlos Pires Gonçalves"

Transcrição

1 TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO 1

2 DISSERTAR é um ato que desenvolvemos todos os dias, quando: procuramos justificativas: para a elevação dos preços; para o aumento da violência; para os descasos com a Amazônia; estamos preocupados com: os descasos com a Amazônia; as guerras; as doenças da modernidade; a natureza: a poluição, os desmatamentos, o aquecimento global 2

3 defendemos nossos pontos de vista em relação: à nossa liberdade; ao futebol; à música; ao aborto; às injustiças sociais; ao avanço da tecnologia; à genética. 3

4 Em suma, dissertação implica em discussão de ideias, argumentação, raciocínio, organização de pensamento, defesa de pontos de vista, descoberta de soluções. Significa refletir sobre nós mesmos ou sobre o mundo que nos cerca. O TEXTO DISSERTATIVO é aquele que expressa uma TESE (um ponto de vista) sobre determinado ASSUNTO, apoiada em dados, fatos (exemplos), fundamentações; enfim, em ARGUMENTOS (informações que comprovem sua tese). 4

5 TEXTOS DISSERTATIVOS Expositivo Explicativo Objetiva expor, explicar ou interpretar ideias. Gêneros predominantes: Capítulos de livros didáticos Verbetes de dicionários Enciclopédias Argumentativo Objetiva expor um ponto de vista, opinando ou persuadindo. Gêneros predominantes: Editorial Artigo Crítica Monografia Tese 5

6 Vamos partir do princípio de que escrever é comunicar, é transmitir uma mensagem ao leitor. Portanto, quem quer comunicar e ser bem compreendido precisa ser claro, bem organizado nos seus atos de comunicação. 6

7 REDAÇÃO Requisitos básicos para produção de um texto: - ter domínio do idioma; - conhecer o assunto a ser tratado; - conhecer as técnicas. 7

8 PRODUÇÃO DAS IDEIAS - seleção das informações; - organização das informações. 8

9 ESTRUTURA Um texto dissertativo precisa ter uma estrutura bem organizada. Por isso, os maiores problemas de um texto dissertativo são: - jogar as ideias desordenadas no papel; - falta de uma linha de raciocínio (coerência); - não relacionar uma ideia com outra (coesão); - não provar absolutamente nada. 9

10 Então, como seria um texto bem organizado? Organiza-se em três partes: INTRODUÇÃO normalmente apresenta a ideia central que vai ser discutida, de modo que o leitor saiba de que o texto vai tratar, além da e a tese do autor. Corresponde, geralmente, a um parágrafo. 10

11 DESENVOLVIMENTO É a parte encarregada pelo desdobramento da ideia central. Corresponde à exposição dos argumentos que comprovam o ponto de vista contido na introdução. Pode haver mais de um parágrafo, dependendo da quantidade de linhas disponíveis. 11

12 CONCLUSÃO: É o acabamento da redação, parte que amarra o texto. E não deve ser iniciada abruptamente, assim como, também não pode ser acabada de súbito. Pode funcionar de três maneiras: Retomada da tese inicial, a fim de confirmá-la; resumo das ideias principais apresentadas e discutidas; Sugestão de soluções para a resolução da problemática abordada. 12

13 ARGUMENTOS DISSERTATIVOS Argumentar é convencer ou tentar convencer alguém a respeito da veracidade das ideias que estamos veiculando. É o procedimento usado para convencer o leitor de que nossa posição é a correta e para levá-lo a dar sua adesão às teses defendidas pelo texto. 13

14 Como se faz uma boa argumentação? 1 o é preciso ter bem claro o que queremos dizer delimitar bem o assunto; 2 o formular ideias também claras sobre o assunto delimitado; 3 o estruturar essas ideias com frases bem formuladas; 4 o tentar provar cada ideia argumento por meio da evidência do raciocínio e das provas. 14

15 RECURSOS LINGUÍSTICOS USADOS PARA CONFIRMAR A VALIDADE DAS IDÉIAS: Argumentos de autoridade: citar autores renomados dá credibilidade sobre um ponto de vista. Argumentos baseados no consenso: citar proposições aceitas como verdadeiras, numa certa época. 15

16 Argumentos baseados em provas concretas: apoiar as posições pessoais em fatos. Comprová-las por dados pertinentes e adequados. Argumentos com base nas relações de causa e consequência. Argumentos baseados em exemplos. Argumentos baseados em oposição: apontar oposições entre ideias e fatos. Argumentos baseados em semelhanças; aproximar dois elementos com base na semelhança entre eles. 16

17 Argumentação nos textos dissertativos O que se faz num texto dissertativo é explicar o assunto, é discorrer sobre ele, é fazer uma exposição do tema. Não se deve ter como única preocupação, persuadir o leitor e sim, passar as informações que se pretende - passar conhecimentos verdadeiros, e dessa forma se tornar convincente. Diante do tema, o autor deve se posicionar acerca do assunto e, através dos seus argumentos, mostrar o seu conhecimento de mundo com clareza, com domínio da língua, selecionando os conteúdos pelos seus valores reais, organizando-os de forma coesa e mantendo coerência entre os assuntos, os quais serão fechados na conclusão, completando assim, o ponto de vista inicial. 17

18 A linguagem do texto dissertativo A linguagem neste tipo de texto é denotativa, isto é, preocupada com a informação. Deve ser uma linguagem impessoal e objetiva, com emprego da forma culta e formal da língua. Isto não significa que não se pode usar recursos poéticos, históricos e recursos linguísticos. Todo enriquecimento do texto é importante. 18

19 LEMBRE-SE: Nem todos os textos dissertativos que circulam seguem esta estrutura, porém trata-se de uma maneira clara e compreensível de se expressar e produzir textos com: Clareza Concisão Coerência e coesão Elegância 19

TEXTOS DISSERTATIVOS. Prof. Me. Maria Cristina dos S. Martins

TEXTOS DISSERTATIVOS. Prof. Me. Maria Cristina dos S. Martins TEXTOS DISSERTATIVOS Prof. Me. Maria Cristina dos S. Martins DISSERTAR É um ato que desenvolvemos todos os dias, quando procuramos justificativas: para a elevação dos preços; para o aumento da violência;

Leia mais

Artigo de opinião. Este material foi compilado e adaptado de material didático criado pela Secretaria de Educação do Estado de Pernambuco

Artigo de opinião. Este material foi compilado e adaptado de material didático criado pela Secretaria de Educação do Estado de Pernambuco Artigo de opinião Este material foi compilado e adaptado de material didático criado pela Secretaria de Educação do Estado de Pernambuco O TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO É UMA TIPOLOGIA TEXTUAL QUE VISA

Leia mais

REDAÇÃO. Professor Moacir Cabral

REDAÇÃO. Professor Moacir Cabral REDAÇÃO Professor Moacir Cabral Redação (redigir/escrever): ação ou resultado de escrever com ordem e método. Tipos de texto: Narrativo Descritivo Dissertativo Qualidades fundamentais do texto Clareza:

Leia mais

LINGUAGEM E ARGUMENTAÇÃO JURÍDICA

LINGUAGEM E ARGUMENTAÇÃO JURÍDICA AULA 9 PG 1 Este material é parte integrante da disciplina Linguagem e Argumentação Jurídica oferecido pela UNINOVE. O acesso às atividades, as leituras interativas, os exercícios, chats, fóruns de discussão

Leia mais

LINGUAGEM E ARGUMENTAÇÃO JURÍDICA

LINGUAGEM E ARGUMENTAÇÃO JURÍDICA AULA 4 PG 1 Este material é parte integrante da disciplina Linguagem e Argumentação Jurídica oferecido pela UNINOVE. O acesso às atividades, as leituras interativas, os exercícios, chats, fóruns de discussão

Leia mais

TURMA 2304 REDAÇÃO - CONVÊNIO PROFESSORA MARILÉA F. DA ROCHA O ENEM ESTÁ PRÓXIMO, PORTANTO VAMOS RELEMBRAR: As 5 competências.

TURMA 2304 REDAÇÃO - CONVÊNIO PROFESSORA MARILÉA F. DA ROCHA O ENEM ESTÁ PRÓXIMO, PORTANTO VAMOS RELEMBRAR: As 5 competências. TURMA 2304 REDAÇÃO - CONVÊNIO PROFESSORA MARILÉA F. DA ROCHA O ENEM ESTÁ PRÓXIMO, PORTANTO VAMOS RELEMBRAR: As 5 competências Competência 1: demonstrar domínio da norma culta da língua escrita. Essa competência

Leia mais

Elaboração de Textos P R O F. : M I C H E L E N A S U T O M I YA M A B U C C I

Elaboração de Textos P R O F. : M I C H E L E N A S U T O M I YA M A B U C C I Elaboração de Textos P R O F. : M I C H E L E N A S U T O M I YA M A B U C C I Introdução Existem vários tipos de textos: Que contam uma história. Que descrevem uma situação. Que apresenta os diálogos

Leia mais

Projeto 1000 no Enem. Conclusão. Bruna Camargo (67) (Aulas particulares)

Projeto 1000 no Enem. Conclusão. Bruna Camargo (67) (Aulas particulares) Projeto 1000 no Enem Conclusão OBSERVAÇÕES IMPORTANTES: Nas dissertações, a conclusão é a parte final que condensa os pontos centrais da discussão, inclusive o posicionamento apresentado na tese. A conclusão

Leia mais

A REDAÇÃO NO ENEM INSTITUTO SANTA LUZIA COMPONENTE CURRICULAR: REDAÇÃO PROFESSOR: EDUARDO BELMONTE 2º ANO ENSINO MÉDIO

A REDAÇÃO NO ENEM INSTITUTO SANTA LUZIA COMPONENTE CURRICULAR: REDAÇÃO PROFESSOR: EDUARDO BELMONTE 2º ANO ENSINO MÉDIO A REDAÇÃO NO ENEM INSTITUTO SANTA LUZIA COMPONENTE CURRICULAR: REDAÇÃO PROFESSOR: EDUARDO BELMONTE 2º ANO ENSINO MÉDIO FATOS SOBRE A PROVA DE REDAÇÃO Todas as redações desenvolvidas no ENEM são avaliadas;

Leia mais

Texto dissertativo argumentativo

Texto dissertativo argumentativo Texto dissertativo argumentativo Textos dissertativos argumentativos Os textos dissertativos argumentativos procuram emitir uma visão pessoal de questões relevantes nos mais diversos campos: economia,

Leia mais

MATRIZ DE REFERÊNCIA PARA REDAÇÃO DETALHAMENTO POR COMPETÊNCIA

MATRIZ DE REFERÊNCIA PARA REDAÇÃO DETALHAMENTO POR COMPETÊNCIA MATRIZ DE REFERÊNCIA PARA REDAÇÃO DETALHAMENTO POR COMPETÊNCIA COMPETÊNCIA 1: Demonstrar domínio da modalidade escrita formal da Língua Portuguesa 200 160 120 GRADE DE CORREÇÃO DO ENEM Demonstra excelente

Leia mais

ROTEIRO DE REDAÇÃO. Professor da Disciplina: Mª Cristina Peixoto Data: / /2017 2º TRIMESTRE Aluno (a): Nº: Nota:

ROTEIRO DE REDAÇÃO. Professor da Disciplina: Mª Cristina Peixoto Data: / /2017 2º TRIMESTRE Aluno (a): Nº: Nota: ROTEIRO DE REDAÇÃO Professor da Disciplina: Mª Cristina Peixoto Data: / /2017 2º TRIMESTRE Aluno (a): Nº: Nota: 9º ano [A ] [B] Ensino Médio Período: Matutino Conteúdo: Artigo de opinião O que é o artigo

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DO MARANHÃO

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DO MARANHÃO CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DO MARANHÃO DECISÃO DOS RECURSOS (INFRARRELACIONADOS) I DOS RECURSOS Trata-se de recursos interpostos pelos candidatos infrarrelacionados concorrentes aos cargos disponibilizados,

Leia mais

tese tema argumentos TEMA TESE ARGUMENTOS

tese tema argumentos TEMA TESE ARGUMENTOS Defesa de uma tese, de uma opinião a respeito do tema proposto, apoiada em argumentos consistentes estruturados de forma coerente e coesa, de modo a formar uma unidade textual. Seu texto deverá ser redigido

Leia mais

Disciplina: Português Professor: Polly Freitas ASPECTOS RELACIONADOS AO TEXTO. Gêneros Textuais e Tipos Textuais Aula 01/07

Disciplina: Português Professor: Polly Freitas ASPECTOS RELACIONADOS AO TEXTO. Gêneros Textuais e Tipos Textuais Aula 01/07 Disciplina: Português Professor: Polly Freitas ASPECTOS RELACIONADOS AO TEXTO Gêneros Textuais e Tipos Textuais Aula 01/07 Gêneros Textuais Definição: Gênero textual é a forma como a língua é empregada

Leia mais

MATRIZ DE REFERÊNCIA PARA REDAÇÃO DETALHAMENTO POR COMPETÊNCIA

MATRIZ DE REFERÊNCIA PARA REDAÇÃO DETALHAMENTO POR COMPETÊNCIA MATRIZ DE REFERÊNCIA PARA REDAÇÃO DETALHAMENTO POR COMPETÊNCIA Motivos para atribuir nota zero à redação: Fuga total ao tema; Não obediência à estrutura dissertativo-argumentativa; Texto com até 7 (sete)

Leia mais

05/07/2017. Curso de metodologia científica. Redação científica. Redação científica e revisão bibliográfica. É plágio? Identificando plágio

05/07/2017. Curso de metodologia científica. Redação científica. Redação científica e revisão bibliográfica. É plágio? Identificando plágio Curso de metodologia científica Segundo dia Curso de Metodologia 05/07/17 M.Sc. Ana Carla C. Salamunes Redação científica e revisão bibliográfica Redação científica Identificando plágio Em estado normal,

Leia mais

1 PROJETO DE PESQUISA 1.1 TÍTULO DO PROJETO: 1.2 NOME DO AUTOR(A): 1.3 NOME DO ORIENTADOR(A): 1.4 ÁREA DE CONCENTRAÇÃO: 1.5 LINHA DE PESQUISA:

1 PROJETO DE PESQUISA 1.1 TÍTULO DO PROJETO: 1.2 NOME DO AUTOR(A): 1.3 NOME DO ORIENTADOR(A): 1.4 ÁREA DE CONCENTRAÇÃO: 1.5 LINHA DE PESQUISA: Logo da IES UNIVERSIDADE/FACULDADE...... Coordenação do Curso de....... 1 PROJETO DE PESQUISA 1.1 TÍTULO DO PROJETO: 1.2 NOME DO AUTOR(A): 1.3 NOME DO ORIENTADOR(A): 1.4 ÁREA DE CONCENTRAÇÃO: 1.5 LINHA

Leia mais

Corpo da Dissertação ou Tese

Corpo da Dissertação ou Tese PROGRAMA DE PÓS GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA E ENGENHARIA DOS MATERIAIS PGCEM DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA MECÂNICA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA SEMINÁRIOS Corpo da Dissertação ou Tese 2015/02 Corpo

Leia mais

Unidade IV COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL. Profa. Ma. Andrea Morás

Unidade IV COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL. Profa. Ma. Andrea Morás Unidade IV COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL Profa. Ma. Andrea Morás Textos Escrever bem é um hábito. Treino e revisão. Organizar as ideias aumenta a qualidade do conteúdo. Dicas para montagem de texto Sempre inicie

Leia mais

DESVENDANDO O EDITAL PROVA DE REDAÇÃO

DESVENDANDO O EDITAL PROVA DE REDAÇÃO DESVENDANDO O EDITAL PROVA DE REDAÇÃO 9 DA PROVA DISCURSIVA 9.1 A prova discursiva, de caráter eliminatório e classificatório, valerá 20,00 pontos, consistirá da redação de texto dissertativo, de até 30

Leia mais

Lógica Proposicional. 1- O que é o Modus Ponens?

Lógica Proposicional. 1- O que é o Modus Ponens? 1- O que é o Modus Ponens? Lógica Proposicional R: é uma forma de inferência válida a partir de duas premissas, na qual se se afirma o antecedente do condicional da 1ª premissa, pode-se concluir o seu

Leia mais

Expectativas de Aprendizagem dos Cursos oferecidos pelo INCO

Expectativas de Aprendizagem dos Cursos oferecidos pelo INCO Level 1 Ao final do Nível 1, você será capaz de: Usar linguagem de sala de aula Apresentar-se em diferentes registros Formular e responder perguntas de forma simples Compreender e usar expressões do dia-a-dia

Leia mais

REDAÇÃO DISCURSIVA F C C

REDAÇÃO DISCURSIVA F C C REDAÇÃO DISCURSIVA F C C 10. DA PROVA DISCURSIVA - REDAÇÃO 10.1 A Prova Discursiva-Redação será aplicada para os cargos de Analista Judiciário Áreas Judiciária e Administrativa, Técnico Judiciário Área

Leia mais

Interpretação de Textos - INSS 2015 Revisão 2. Professor Nélson Sartori

Interpretação de Textos - INSS 2015 Revisão 2. Professor Nélson Sartori Interpretação de Textos - INSS 2015 Revisão 2 Professor Nélson Sartori contato@sartorivirtual.com.br TIPOLOGIA TEXTUAL 1. Texto narrativo é aquele tipo de texto que conta um fato. Pode ser fictício ou

Leia mais

REDAÇÃO DISCURSIVA MARATONA

REDAÇÃO DISCURSIVA MARATONA REDAÇÃO DISCURSIVA MARATONA 10. DA PROVA DISCURSIVA 10.1 A prova discursiva valerá 40,00 pontos, consistirá da redação de texto dissertativo, de até 30 linhas, sobre um tema de atualidades constante do

Leia mais

Prof. Ms. Renato Dering

Prof. Ms. Renato Dering Prof. Ms. Renato Dering A Redação é o primeiro critério de desempate na hora de escolher as Universidades e cursos superiores; A segunda forma de desempate é a prova de Linguagens; Tirar menos de 450 pontos

Leia mais

O texto dissertativo

O texto dissertativo O texto dissertativo A TIPOLOGIA E OS GÊNEROS TEXTUAIS Tipologias textuais Narração: caracteriza-se pelo relato de um fato, real ou imaginário, que é contado ao leitor pelo narrador. Este pode ser de 1ª

Leia mais

JUSTIFICATIVAS PARA MANUTENÇÃO OU PARA ALTERAÇÃO DE NOTAS DE REDAÇÃO PROTOCOLO:

JUSTIFICATIVAS PARA MANUTENÇÃO OU PARA ALTERAÇÃO DE NOTAS DE REDAÇÃO PROTOCOLO: JUSTIFICATIVAS PARA MANUTENÇÃO OU PARA ALTERAÇÃO DE NOTAS DE REDAÇÃO PROTOCOLO: 22924028436-3 PROTOCOLO: 22924028436-3 MANTIDA A NOTA DIVULGADA. A prova de redação do concurso público do Os textos foram

Leia mais

REDAÇÃO. Nota 10! Dicas rápidas para perder o medo de escrever. Aprenda a redigir com criatividade e qualidade

REDAÇÃO. Nota 10! Dicas rápidas para perder o medo de escrever. Aprenda a redigir com criatividade e qualidade REDAÇÃO Nota 10! Dicas rápidas para perder o medo de escrever. Aprenda a redigir com criatividade e qualidade A folha em branco é um campo aberto para suas ideias! Questões e mais questões objetivas, testes

Leia mais

LINGUAGEM E ARGUMENTAÇÃO JURÍDICA

LINGUAGEM E ARGUMENTAÇÃO JURÍDICA AULA 7 PG 1 Este material é parte integrante da disciplina Linguagem e Argumentação Jurídica oferecido pela UNINOVE. O acesso às atividades, as leituras interativas, os exercícios, chats, fóruns de discussão

Leia mais

GUIA PARA ELABORAÇÃO DE ARTIGO CIENTÍFICO

GUIA PARA ELABORAÇÃO DE ARTIGO CIENTÍFICO Centro Paula Souza Faculdade de Tecnologia da Zona Leste GUIA PARA ELABORAÇÃO DE ARTIGO CIENTÍFICO Estatística Aplicada Profa Dra. Rosângela Maura Correia Bonici Sumário 1 Introdução... 3 2 Estrutura do

Leia mais

E.E. SENADOR LUIZ NOGUEIRA MARTINS ATPC 04 DE AGOSTO 2017 PC: ANA LUCIA FAZANO PARTE 1

E.E. SENADOR LUIZ NOGUEIRA MARTINS ATPC 04 DE AGOSTO 2017 PC: ANA LUCIA FAZANO PARTE 1 3º Bimestre 2º Bimestre 1º Bimestre E.E. SENADOR LUIZ NOGUEIRA MARTINS Relação entre as Habilidades Previstas no Currículo do Estado de São Paulo e as Habilidades Previstas na Matriz de Referência do SARESP

Leia mais

www.preparacaototalenem.com.br Dicas de Redação para nota 1000 no ENEM Veja o tema de redação e faça uma leitura cuidadosa da prova - Essa é a principal dica e vai influenciar todo o seu desempenho. Leia

Leia mais

MONITORIA_2015. DISCIPLINA: Redação. AULA: A Dissertação Argumentativa

MONITORIA_2015. DISCIPLINA: Redação. AULA: A Dissertação Argumentativa MONITORIA_2015 DISCIPLINA: Redação AULA: A Dissertação Argumentativa Dissertar Falar sobre; discorrer sobre 1) Modelo dissertativo 1) Expositivo: Panorama imparcial de ideias, informações neutras, exposições.

Leia mais

REDAÇÃO I UMA IDEIA NA CABEÇA, UM LÁPIS NA MÃO E MUITO ESFORÇO

REDAÇÃO I UMA IDEIA NA CABEÇA, UM LÁPIS NA MÃO E MUITO ESFORÇO P R O F. E R I VA N F E R N A N D E S REDAÇÃO I UMA IDEIA NA CABEÇA, UM LÁPIS NA MÃO E MUITO ESFORÇO A Redação no ENEM COMPETÊNCIAS DA REDAÇÃO DO ENEM A redação é dividida em cinco aspectos, chamados de

Leia mais

Não considerada: 0 pontos Precário: 40 pontos Insuficiente: 80 pontos Mediano: 120 pontos Bom: 160 pontos Ótimo: 200 pontos

Não considerada: 0 pontos Precário: 40 pontos Insuficiente: 80 pontos Mediano: 120 pontos Bom: 160 pontos Ótimo: 200 pontos Competências ENEM Antes de relacionarmos as cinco competências do ENEM, esclarecemos que a prova de redação vale 1000 pontos no total (dividindo esse valor entre os 5 aspectos, cada um deles tem peso de

Leia mais

PESQUISA CIENTÍFICA 2

PESQUISA CIENTÍFICA 2 PESQUISA CIENTÍFICA 2 TIPOS DE PESQUISA CIENTÍFICA 3 4 Tipos de Pesquisa Quantitativas: aquelas em que predominam os métodos estatísticos, com utilização de variáveis bem definidas e de cálculos estatísticos

Leia mais

Redação Profa. Raquel

Redação Profa. Raquel Aula Enem 2016 Redação Profa. Raquel O que sua dissertação deve apresentar: DISSERTAÇÃO Como você que será avaliado(a)? Competência 1 NORMA Demonstrar CULTA domínio da modalidade escrita formal da Língua

Leia mais

ARTIGO DE OPINIÃO. Profª Kellen Ramos Mandarino

ARTIGO DE OPINIÃO. Profª Kellen Ramos Mandarino ARTIGO DE OPINIÃO Profª Kellen Ramos Mandarino CARACTERÍSTICAS FINALIDADE: expressar o ponto de vista do autor sobre determinado tema; FOCO NARRATIVO: 1ª ou 3ª pessoa ESTRUTURA: introdução + desenvolvimento

Leia mais

SUMÁRIO CAPÍTULO 1 LEITURA & INTERPRETAÇÃO...

SUMÁRIO CAPÍTULO 1 LEITURA & INTERPRETAÇÃO... SUMÁRIO CAPÍTULO 1 LEITURA & INTERPRETAÇÃO... 1 Lição 1 LER é instrumento essencial... 1 1.1. A Leitura Crítica... 3 1.2. Contextualização... 5 1.3. Questão Comentada... 6 1.4. Sugestão de Redação... 7

Leia mais

Tipos e técnicas de introdução. Paragrafação de início de texto dissertativo argumentativo

Tipos e técnicas de introdução. Paragrafação de início de texto dissertativo argumentativo Tipos e técnicas de introdução Paragrafação de início de texto dissertativo argumentativo Introdução A primeira parte do texto dissertativo é a introdução. Nela, são apresentados o tema e, normalmente,

Leia mais

Comunicação Empresarial

Comunicação Empresarial Comunicação Empresarial O que é comunicar? Tornar comum, compartilhar Todas as atividades humanas envolvem comunicação ato vital Comunicação Verbal (falada e escrita) Comunicação não-verbal (sons, músicas,

Leia mais

Dissertação Argumentativa parte II. Professor Guga Valente

Dissertação Argumentativa parte II. Professor Guga Valente Dissertação Argumentativa parte II Professor Guga Valente Esquema da dissertação INTRODUÇÃO - Tema (paráfrase) - Tese (ideia a ser defendida) DESENVOLVIMENTO - Argumentos - Exemplos CONCLUSÃO - Ponto de

Leia mais

Excelência acadêmica para a vivência dos valores humanos e cristãos. Admissão de Alunos CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS 9º ANO ENSINO FUNDAMENTAL II

Excelência acadêmica para a vivência dos valores humanos e cristãos. Admissão de Alunos CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS 9º ANO ENSINO FUNDAMENTAL II Excelência acadêmica para a vivência dos valores humanos e cristãos. Admissão de Alunos 2018 CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS 9º ANO ENSINO FUNDAMENTAL II CIÊNCIAS 1. O CORPO HUMANO 1.1 Células procariotas e eucariotas.

Leia mais

CURSO DE REDAÇÃO PARA CONCURSOS E VESTIBULARES. PROFESSOR LEO

CURSO DE REDAÇÃO PARA CONCURSOS E VESTIBULARES. PROFESSOR LEO CURSO DE REDAÇÃO PARA CONCURSOS E VESTIBULARES PROFESSOR LEO www.materiaisdeportugues.com.br www.materiaisdeportugues.com.br Página 1 www.materiaisdeportugues.com.br Página 2 Sumário Conceito de Dissertação...

Leia mais

ESCOLA BÁSICA DE MAFRA 2016/2017 Português (2.º Ciclo) Perfil de Aprendizagens Específicas

ESCOLA BÁSICA DE MAFRA 2016/2017 Português (2.º Ciclo) Perfil de Aprendizagens Específicas ESCOLA BÁSICA DE MAFRA 2016/2017 Português (2.º Ciclo) Perfil de Aprendizagens Específicas (ponto 2 do artigo 7º do Despacho Normativo nº1-f/2016, de 5 de abril) 5.º Ano Interpretar textos orais breves.

Leia mais

UMA PROPOSTA DE SEQUÊNCIA DIDÁTICA NOS MOLDES DE DOLZ, SCHNEUWLY E NOVERRAZ

UMA PROPOSTA DE SEQUÊNCIA DIDÁTICA NOS MOLDES DE DOLZ, SCHNEUWLY E NOVERRAZ UMA PROPOSTA DE SEQUÊNCIA DIDÁTICA NOS MOLDES DE DOLZ, SCHNEUWLY E NOVERRAZ Felipe Grespan Rettore (UNIOESTE)1 Ellen Mariany da Silva Dias (Orientadora - UNIOESTE)2 Resumo: o presente trabalho tem como

Leia mais

Compreensão e Interpretação de Textos

Compreensão e Interpretação de Textos Língua Portuguesa Compreensão e Interpretação de Textos Texto Texto é um conjunto coerente de enunciados, os quais podem serem escritos ou orais. Trata-se de uma composição de signos codificada sob a forma

Leia mais

REDAÇÃO DISCURSIVA S E E DF (CESPE/CEBRASPE)

REDAÇÃO DISCURSIVA S E E DF (CESPE/CEBRASPE) REDAÇÃO DISCURSIVA S E E DF (CESPE/CEBRASPE) TIPOS DE REDAÇÃO DISCURSIVA: Dissertação Argumentativa (finalidade persuasiva); Dissertação Expositiva (finalidade informativa); Estudo de Caso (análise de

Leia mais

Alvorada/RS MANUAL DE REDAÇÃO

Alvorada/RS MANUAL DE REDAÇÃO Alvorada/RS MANUAL DE REDAÇÃO O TEXTO DISSERTATIVO O que é dissertar? I. Expor um assunto, esclarecendo as verdades que o envolvem, discutindo a problemática que nele reside; II. Defender princípios, tomando

Leia mais

Unidade 1 Saiba como elaborar uma boa dissertação

Unidade 1 Saiba como elaborar uma boa dissertação UNIDADE 1 Nesta primeira aula sobre redação, estudaremos uma das maneiras mais fáceis de se elaborar uma dissertação. Tente produzir um texto, da maneira como veremos aqui. Dissertar é o ato de discorrer

Leia mais

Redação. Prof. Rafael Costa

Redação. Prof. Rafael Costa Redação Prof. Rafael Costa Texto Dissertativo-argumentativo Dissertar é o mesmo que desenvolver ou explicar um assunto, discorrer sobre ele. Argumentar é convencer ou tentar convencer alguém a respeito

Leia mais

FUNÇÕES DA LINGUAGEM, FALA, ESCRITA E LEITURA ARGUMENTAÇÃO

FUNÇÕES DA LINGUAGEM, FALA, ESCRITA E LEITURA ARGUMENTAÇÃO AULA 1 e 2 FUNÇÕES DA LINGUAGEM, FALA, ESCRITA E LEITURA ARGUMENTAÇÃO Profa. Dra. Vera Vasilévski Comunicação Oral e Escrita UTFPR/Santa Helena A linguagem (oral e escrita) é um sistema de comunicação

Leia mais

PROPOSTA DE REDAÇÃO PARA A CATEGORIA 5.ª E 6.ª SÉRIES/ 6.º E 7.º ANOS. Videogame: permitir ou proibir?

PROPOSTA DE REDAÇÃO PARA A CATEGORIA 5.ª E 6.ª SÉRIES/ 6.º E 7.º ANOS. Videogame: permitir ou proibir? PROPOSTA DE REDAÇÃO PARA A CATEGORIA 5.ª E 6.ª SÉRIES/ 6.º E 7.º ANOS TEXTO MOTIVADOR Videogame: permitir ou proibir? Por mais que os pais procurem proibir ou limitar o uso de videogames, esses eletrônicos

Leia mais

Possuem função comunicativa e estão inseridos em um contexto cultural.

Possuem função comunicativa e estão inseridos em um contexto cultural. Tipologias Textuais Tipos Textuais Os tipos textuais são caracterizados por propriedades linguísticas, como vocabulário, relações lógicas, tempos verbais, construções frasais etc. Gêneros textuais Possuem

Leia mais

Efeitos da implantação da Lei Seca no Brasil

Efeitos da implantação da Lei Seca no Brasil PLANEJAMENTO DE UMA DISSERTAÇÃO 1. LEITURA ATENTA DA PROPOSTA 2. ESCOLHA DO GÊNERO 3. DELIMITAÇÃO E INTERPRETAÇÃO DO TEMA 4. LEITURA DA COLETÂNEA DE TEXTOS 5. ESBOÇO DO TEXTO. BRAINSTORM 6. ORGANIZAÇÃO

Leia mais

José Leonardo Annunziato Ruivo Contato: Porto Alegre, 24 de Setembro 2012.

José Leonardo Annunziato Ruivo Contato:  Porto Alegre, 24 de Setembro 2012. José Leonardo Annunziato Ruivo Contato: jleonardo.ruivo@gmail.com Um texto dissertativo-argumentativo Argumentativo: defende um ponto de vista Dissertativo: explica-o para convencer o leitor Respeitando

Leia mais

PRODUZIR UM BOM TEXTO: TAREFA POSSÍVEL NO ENSINO SUPERIOR

PRODUZIR UM BOM TEXTO: TAREFA POSSÍVEL NO ENSINO SUPERIOR PRODUZIR UM BOM TEXTO: TAREFA POSSÍVEL NO ENSINO SUPERIOR l. Introdução Jayme Ferreira Bueno* Ao iniciar esta exposição, pretendo esclarecer o que neste trabalho se considera um bom texto. Aqui, o texto

Leia mais

PLANO DE CURSO Disciplina: LÍNGUA PORTUGUESA Série: 3º ano Ensino Fundamental

PLANO DE CURSO Disciplina: LÍNGUA PORTUGUESA Série: 3º ano Ensino Fundamental PLANO DE CURSO Disciplina: LÍNGUA PORTUGUESA Série: 3º ano Ensino Fundamental UNIDADE I: GÊNEROS LITERÁRIOS Poesias Trabalhar conceitos, estruturas e produções do gênero. Biografia Entrevista Texto informativo

Leia mais

Universidade do Estado de Santa Catarina UDESC Centro de Ciências Humanas e da Educação FAED PLANO DE ENSINO

Universidade do Estado de Santa Catarina UDESC Centro de Ciências Humanas e da Educação FAED PLANO DE ENSINO 1 Universidade do Estado de Santa Catarina UDESC Centro de Ciências Humanas e da Educação FAED PLANO DE ENSINO DEPARTAMENTO: Departamento de Ciências Humanas ANO/SEMESTRE: 2013/2 CURSO: Pedagogia FASE:

Leia mais

Universidade Federal do Rio Grande do Norte Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência PIBID/Letras Escola Estadual Prof.

Universidade Federal do Rio Grande do Norte Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência PIBID/Letras Escola Estadual Prof. Universidade Federal do Rio Grande do Norte Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência PIBID/Letras Escola Estadual Prof. José Fernandes Machado Professor Supervisor: Ladmires Carvalho Bolsistas:

Leia mais

DÚVIDAS E DIFICULDADES MAIS FREQUENTES NO TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO MODELO ENEM

DÚVIDAS E DIFICULDADES MAIS FREQUENTES NO TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO MODELO ENEM DÚVIDAS E DIFICULDADES MAIS FREQUENTES NO TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO MODELO ENEM LABORATÓRIO DE REDAÇÃO Corretoras: Patrícia Peres Rayane Ferreira Tainá Veras COMPETÊNCIA I SIGNIFICADO DAS COMPETÊNCIAS

Leia mais

FUNÇÕES DA LINGUAGEM

FUNÇÕES DA LINGUAGEM FUNÇÕES DA LINGUAGEM O estudo das funções da linguagem depende de seus fatores principais. Destacamos cada um deles em particular: *emissor quem fala ou transmite uma mensagem a alguém *receptor (ou interlocutor)

Leia mais

Os cinco. redigir um texto RENAN GOMES DE LIMA. Docente no Senac/RO

Os cinco. redigir um texto RENAN GOMES DE LIMA. Docente no Senac/RO Os cinco erros mais comuns ao se redigir um texto RENAN GOMES DE LIMA Docente no Senac/RO Todo profissional deve, por meio de sua redação, ser alguém capaz de se fazer entendido, utilizando para isso argumentos

Leia mais

AS FORMAS BÁSICAS DE COMPOSIÇÃO DO TEXTO

AS FORMAS BÁSICAS DE COMPOSIÇÃO DO TEXTO AS FORMAS BÁSICAS DE COMPOSIÇÃO DO TEXTO O texto pode ser: Argumentativo Dissertativo Descritivo narrativo Argumentativo Tipo de texto em que se sobressai a preocupação do autor em persuadir e convencer

Leia mais

Conheça melhor o método imbatível para escrever uma redação. Esta apostila é parte do material do famoso método completo Redação Total ENEM.

Conheça melhor o método imbatível para escrever uma redação. Esta apostila é parte do material do famoso método completo Redação Total ENEM. Conheça melhor o método imbatível para escrever uma redação Esta apostila é parte do material do famoso método completo Redação Total ENEM. Você tem interesse em conhecer melhor o método desenvolvido pela

Leia mais

Gêneros Textuais. E aí, beleza!? Vamos juntos dar uma olhada em algumas dicas importantes de gêneros textuais?

Gêneros Textuais. E aí, beleza!? Vamos juntos dar uma olhada em algumas dicas importantes de gêneros textuais? Gêneros Textuais E aí, beleza!? Vamos juntos dar uma olhada em algumas dicas importantes de gêneros textuais? Para começar, vamos observar as imagens abaixo, reproduções de uma receita, uma manchete de

Leia mais

Currículo das Áreas Disciplinares/Critérios de Avaliação 5º Ano Disciplina: Português Metas Curriculares: Domínios/Objetivos

Currículo das Áreas Disciplinares/Critérios de Avaliação 5º Ano Disciplina: Português Metas Curriculares: Domínios/Objetivos Currículo das Áreas Disciplinares/Critérios de 5º Ano Disciplina: Português Metas Curriculares: Domínios/Objetivos Conteúdos Programáticos Critérios de Instrumentos de Comunicação oral Observação direta

Leia mais

LINGUAGEM E ARGUMENTAÇÃO JURÍDICA

LINGUAGEM E ARGUMENTAÇÃO JURÍDICA AULA 12 PG 1 Este material é parte integrante da disciplina Linguagem e Argumentação Jurídica oferecido pela UNINOVE. O acesso às atividades, as leituras interativas, os exercícios, chats, fóruns de discussão

Leia mais

No episódio de hoje...

No episódio de hoje... Redação 1/4 No episódio de hoje... Como é o modelo de redação da FATEC? 5 citações que você pode usar em sua redação Dicas práticas para escrever cada vez melhor COMO É O MODELO DE REDAÇÃO DA FATEC? Liiiii,

Leia mais

Comunicação e Expressão

Comunicação e Expressão Comunicação e Expressão A Dissertação Caro aluno: A partir deste momento, refletiremos um pouco sobre uma outra modalidade de texto: a dissertação. Diante das nossas reflexões anteriores, surge agora,

Leia mais

REGULAMENTO DE PARTICIPAÇÃO EM CONCURSO DE PRODUÇÃO DE TEXTO E DESENHO

REGULAMENTO DE PARTICIPAÇÃO EM CONCURSO DE PRODUÇÃO DE TEXTO E DESENHO REGULAMENTO DE PARTICIPAÇÃO EM CONCURSO DE PRODUÇÃO DE TEXTO E DESENHO APRESENTAÇÃO Em 2014, a TV Morena HDTV e a Taurus realizam cinco ações/campanhas em prol do Meio Ambiente. Entre as ações/campanhas

Leia mais

8. Demonstrar conhecimento dos mecanismos Linguísticos necessários para a Construção da Argumentação. 9. Competência Elaborar proposta de intervenção

8. Demonstrar conhecimento dos mecanismos Linguísticos necessários para a Construção da Argumentação. 9. Competência Elaborar proposta de intervenção Sumário 1.apresentação 2. matrizes de referência para redação 2016 Detalhamento por competência 3. Competência Demonstrar domínio da Modalidade escrita formal da Língua Portuguesa. 4. Competência 5. Compreender

Leia mais

redação e pleno desenvolvimento do tema, atendendo aos limites Atendimento à proposta de propostos. redação e desenvolvimento do

redação e pleno desenvolvimento do tema, atendendo aos limites Atendimento à proposta de propostos. redação e desenvolvimento do Critérios de Correção de Redação Ensino Médio ENSINO MéDIO TExTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO NÍVEL DE DESPENHO E NOTA CORRESPONDENTE Situações que dificultam a correção da produção textual: letra ilegível

Leia mais

H003 Compreender a importância de se sentir inserido na cultura escrita, possibilitando usufruir de seus benefícios.

H003 Compreender a importância de se sentir inserido na cultura escrita, possibilitando usufruir de seus benefícios. 2ª Língua Portuguesa 5º Ano E.F. Objeto de Estudo Usos e funções: código oral e código escrito Usos e funções: código oral e código escrito Usos e funções: norma-padrão e variedades linguísticas. Usos

Leia mais

INTERPRETAÇÃO E PRODUÇÃO DE TEXTOS

INTERPRETAÇÃO E PRODUÇÃO DE TEXTOS Unidade II INTERPRETAÇÃO E PRODUÇÃO DE TEXTOS Prof. Adilson Oliveira Gênero O termo gênero é empregado em mais de uma área de estudo. Em: gramática significa a variação das palavras em língua portuguesa

Leia mais

TEMPO DE DURAÇÃO: 1h. Obrigatória entrega no final da aula. PROPOSTA DE REDAÇÃO

TEMPO DE DURAÇÃO: 1h. Obrigatória entrega no final da aula. PROPOSTA DE REDAÇÃO SIMULADO PRESENCIAL ENEM 2010 TEMPO DE DURAÇÃO: 1h. Obrigatória entrega no final da aula. PROPOSTA DE REDAÇÃO Com base na leitura dos textos motivadores e nos conhecimentos construídos ao longo de sua

Leia mais

REDAÇÃO DISCURSIVA PROF. DALVANI

REDAÇÃO DISCURSIVA PROF. DALVANI REDAÇÃO DISCURSIVA PROF. DALVANI 1ª - APRESENTAÇÃO DO TEMA IMPLÍCITO Redija um texto dissertativo argumentativo acerca da temática apresentada no cartum 2ª - APRESENTAÇÃO DO TEMA EXPLÍCITO FGV: Analista

Leia mais

PLANEJAMENTO ANUAL 2016

PLANEJAMENTO ANUAL 2016 PLANEJAMENTO ANUAL 2016 Professor Joabe Bernardo dos Santos Língua Portuguesa 9º ano Colégio Nossa Senhora da Piedade Referências: -SAE, 9º ano: Língua Portuguesa. Livro do professor: livro 1 / IESDE BRASIL

Leia mais

LINGUAGEM E ARGUMENTAÇÃO JURÍDICA

LINGUAGEM E ARGUMENTAÇÃO JURÍDICA AULA 3 PG 1 Este material é parte integrante da disciplina Linguagem e Argumentação Jurídica oferecido pela UNINOVE. O acesso às atividades, as leituras interativas, os exercícios, chats, fóruns de discussão

Leia mais

MATERIAL COMPLEMENTAR

MATERIAL COMPLEMENTAR MATERIAL COMPLEMENTAR dicas de redação Uma boa redação é instrumento valioso para o progresso na escrita. Por meio dela, são apontados os problemas do texto, as falhas de construção,os desvios da norma

Leia mais

Metodologia Científica

Metodologia Científica Metodologia Científica O PROCESSO DE LEITURA E DA PRODUÇÃO DE TEXTOS Profª Ma. Fabiana Rocha O PROCESSO DE LEITURA Importância da Leitura Aprendizagem do ser humano; Enriquecer o vocabulário; Obter conhecimento;

Leia mais

PROCEDIMENTOS DE LEITURA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO

PROCEDIMENTOS DE LEITURA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO PROCEDIMENTOS DE LEITURA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO Nome: Nº Série: Data: / /2016 Professor: 3º Bimestre A - Introdução Neste bimestre, você aprendeu novos procedimentos de leitura e fez várias atividades

Leia mais

Paper O que é e como fazer

Paper O que é e como fazer 1 Paper O que é e como fazer Prof. Sergio Enrique Faria 1- Conceito de paper O paper, position paper ou posicionamento pessoal é um pequeno artigo científico a respeito de um tema pré-determinado. Sua

Leia mais

METODOLOGIA DO TRABALHO ACADÊMICO 1

METODOLOGIA DO TRABALHO ACADÊMICO 1 METODOLOGIA DO TRABALHO ACADÊMICO 1 A Redação Quando se fala em redação, em geral se associa a uma composição literária ou a uma dissertação de tese. No primeiro caso, relaciona-se a um trabalho fantasioso;

Leia mais

REDAÇÃO PARA CONCURSOS: técnicas de elaboração e critérios de avaliação

REDAÇÃO PARA CONCURSOS: técnicas de elaboração e critérios de avaliação REDAÇÃO PARA CONCURSOS: técnicas de elaboração e critérios de avaliação Quando uma redação recebe zero? fuga total ao tema; fuga ao tipo dissertativo-argumentativo; ofensa declarada ao concurso; desrespeito

Leia mais

Sumário. Apresentação da coleção Prefácio Nota da autora Capítulo II

Sumário. Apresentação da coleção Prefácio Nota da autora Capítulo II Sumário Sumário Apresentação da coleção... 17 Prefácio... 19 Nota da autora... 21 Capítulo I Fatores importantes para produzir um texto... 23 1. A importância da leitura para produção textual... 23 2.

Leia mais

PROFESSORA: CLAUDIA ROSA

PROFESSORA: CLAUDIA ROSA PROFESSORA: CLAUDIA ROSA 1- DEMONSTRAR DOMÍNIO DA MODALIDADE ESCRITA DA LÍNGUA PORTUGUESA; Usar linguagem coloquial não rola Tipo assim, use a norma culta da gramática! 2 COMPREENDER A PROPOSTA DE REDAÇÃO

Leia mais

DATA: 15 / 04 / 2016 I ETAPA AVALIAÇÃO ESPECIAL DE REDAÇÃO E EXPRESSÃO 1.º ANO/EM ALUNO(A): Nº: TURMA: PROPOSTA DE REDAÇÃO

DATA: 15 / 04 / 2016 I ETAPA AVALIAÇÃO ESPECIAL DE REDAÇÃO E EXPRESSÃO 1.º ANO/EM ALUNO(A): Nº: TURMA: PROPOSTA DE REDAÇÃO SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA Mantenedora da PUC Minas e do COLÉGIO SANTA MARIA DATA: / 0 / 06 UNIDADE: I ETAPA AVALIAÇÃO ESPECIAL DE REDAÇÃO E EXPRESSÃO.º ANO/EM ALUNO(A): Nº: TURMA: PROFESSOR (A): VALOR:

Leia mais

Inteligência Lingüística:

Inteligência Lingüística: Inteligência Lingüística: Capacidade de lidar bem com a linguagem, tanto na expressão verbal quanto escrita. A linguagem é considerada um exemplo preeminente da inteligência humana. Seja pra escrever ou

Leia mais

MATRIZ DE REFERÊNCIA PARA REDAÇÃO DETALHAMENTO POR COMPETÊNCIA FUVEST

MATRIZ DE REFERÊNCIA PARA REDAÇÃO DETALHAMENTO POR COMPETÊNCIA FUVEST MATRIZ DE REFERÊNCIA PARA REDAÇÃO DETALHAMENTO POR COMPETÊNCIA FUVEST C1- Desenvolvimento do tema e organização do texto dissertativo-argumentativo (Peso 4) Aqui são avaliados se o aluno cumpriu todos

Leia mais

TEORIA DA LINGUAGEM Prof ª Giovana Uggioni Silveira

TEORIA DA LINGUAGEM Prof ª Giovana Uggioni Silveira TEORIA DA LINGUAGEM Prof ª Giovana Uggioni Silveira COMUNICAÇÃO LINGUAGEM LÍNGUA FALA ESCRITA DISCURSO Forma de linguagem escrita (texto) ou falada (conversação no seu contexto social, político ou cultural).

Leia mais

significados que pretende comunicar em um determinado contexto sócio-cultural. A Linguística Sistêmico-Funcional (LSF) leva em consideração que as

significados que pretende comunicar em um determinado contexto sócio-cultural. A Linguística Sistêmico-Funcional (LSF) leva em consideração que as 1 Introdução No nosso dia-a-dia, estamos a todo momento emitindo opiniões, defendendo ideias. Opinamos em casa, no trabalho, na escola, na rua, em todos os lugares. Opinar, argumentar, persuadir o outro

Leia mais

GENEROS TEXTUAIS E O LIVRO DIDÁTICO: DESAFIOS DO TRABALHO

GENEROS TEXTUAIS E O LIVRO DIDÁTICO: DESAFIOS DO TRABALHO GENEROS TEXTUAIS E O LIVRO DIDÁTICO: DESAFIOS DO TRABALHO Fernanda Félix da Costa Batista 1 INTRODUÇÃO O trabalho com gêneros textuais é um grande desafio que a escola tenta vencer, para isso os livros

Leia mais

PALESTRA SOBRE REDAÇÃO DO ENEM

PALESTRA SOBRE REDAÇÃO DO ENEM PALESTRA SOBRE REDAÇÃO DO ENEM Profa. Íris Cristine Odízio - O EXAME NACIONAL DO ENSINO MÉDIO. - REDAÇÃO. HISTÓRIA DO EXAME NACIONAL DO ENSINO MÉDIO. O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) foi criado

Leia mais

Função social: apresenta como objetivo básico instruir, ensinar, ou seja, levar o leitor a assimilar conhecimentos e valores instituídos.

Função social: apresenta como objetivo básico instruir, ensinar, ou seja, levar o leitor a assimilar conhecimentos e valores instituídos. INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO TOCANTINS GÊNERO ACADÊMICO-CIENTÍFICO Prof. Mestre Carina Lima Função social: apresenta como objetivo básico instruir, ensinar, ou seja, levar o leitor

Leia mais

Ensino Secundário (Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho)

Ensino Secundário (Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho) INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Inglês Maio de 2015 Prova 358 12º Ano (continuação) Escrita e Oral Ensino Secundário (Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho) 1. Introdução O presente documento

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ COORDENADORIA DE CONCURSOS CCV

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ COORDENADORIA DE CONCURSOS CCV Questão: 02 O candidato alega que, na questão 02, tanto a alternativa E como a alternativa A apresentam-se corretas, visto que as linhas 12 e 13 mostram que os violinistas mais relaxados também tinham

Leia mais